Wagner Luiz Batista

Professor Associado do Departamento de Ciências Farmacêuticas da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP) Campus Diadema. Possui graduação em Farmácia pela Universidade Estadual de Maringá/PR (1996 - 2000), doutorado direto em Microbiologia e Imunologia pela Universidade Federal de São Paulo (2001 - 2006) e pós-doutorado em Bioquímica pela Universidade Federal de São Paulo (2006 - 2009). Tem experiência na área de Microbiologia, com ênfase em Biologia Molecular e Bioquímica de micro-organismos e trabalha com sinalização celular redox em fungos patogênicos e fatores de virulência.

Informações coletadas do Lattes em 24/06/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em Microbiologia e Imunologia

2001 - 2006

Universidade Federal de São Paulo
Título: Dupla localização da proteína de choque térmico Mdj1 em Paracoccidioides brasiliensis, identificação de elementos de transcrição na região 5 intergênica compartilhada pelos genes MDJ1/LON e avaliação da sua expressão gênica
Orientador: Drª Rosana Puccia
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil. Palavras-chave: Paracoccidioides brasiliensis; MDJ1; LON; estresse oxidativo; HSE e AP-1; choque térmico. Grande área: Ciências BiológicasGrande Área: Ciências Biológicas / Área: Bioquímica / Subárea: Biologia Molecular. Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Bioquímica / Subárea: Bioquímica dos Microorganismos. Setores de atividade: Outro.

Graduação em Farmácia

1996 - 2000

Universidade Estadual de Maringá
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Pós-doutorado

2006 - 2009

Pós-Doutorado. , Universidade Federal de São Paulo, UNIFESP, Brasil. , Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil. , Grande área: Ciências Biológicas, Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Bioquímica / Subárea: Metabolismo e Bioenergética.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2000 - 2000

Extensão universitária em Parasitoses Intestinais: Prevalência e Controle. (Carga horária: 60h). , Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.

2000 - 2000

Extensão universitária em Detecção e Acompanhamento de Pacientes Portadores. (Carga horária: 92h). , Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.

1998 - 2000

Extensão universitária em Uma Experiência Interdisciplinar em Saúde. (Carga horária: 384h). , Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.

1997 - 2000

Extensão universitária em Programa Especial de Treinamento (PET/CAPES). , Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Bandeira representando o idioma Inglês

Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Bandeira representando o idioma Espanhol

Compreende Bem, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Microbiologia.

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Bioquímica / Subárea: Biologia Molecular.

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Bioquímica / Subárea: Bioquímica dos Microorganismos.

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Microbiologia / Subárea: Biologia e Fisiologia dos Microorganismos/Especialidade: Micologia.

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Microbiologia / Subárea: Biologia e Fisiologia dos Microorganismos.

Grande área: Ciências da Saúde / Área: Farmácia / Subárea: ANALISES CLÍNICAS.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

BATISTA, W. L. . XI International Meeting of Paracoccidioidomycosis. 2011. (Congresso).

BATISTA, W. L. . III Congresso de Farmácia e Análises Clínicas de Maringá. 1999. (Congresso).

BATISTA, W. L. . I Encontro Regional de Farmácia de Maringá. 1999. (Congresso).

BATISTA, W. L. . XII Semana de Integração de Farmácia. 1998. (Congresso).

BATISTA, W. L. . XI Semana de Intregração de Farmácia. 1997. (Congresso).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

III International Symposium on Fungal Stress.Impact of two-component histidine kinase DRK1 on Paracoccidioides brasiliensis cell wall morphogenesis. 2019. (Simpósio).

XXX Congresso Brasileiro de Microbiologia. Regulation of DNA repair machinery in Paracoccidioides brasiliensis during oxidative stress. 2019. (Congresso).

20th Congress of the International Society for Human and Animal Mycology. Differential modulation of S-nitrosoproteome of Paracoccidioides brasiliensis by Nitric Oxide: change in S-nitrosylation levels and fungal redox status.. 2018. (Congresso).

13 International Meeting on Paracoccidioidomycosis. Proteomic analysis of Paracoccidioides brasiliensis S-nitrosylated proteins in response to nitrosative stress. 2017. (Congresso).

I Simpósio de Ciências Farmacêuticas - Sci-Farma.Sessão Temática III - Doenças Infectocontagiosas. 2017. (Simpósio).

12th International Congress of Cell Biology. Characterization of Secreted Aspartyl Protease PbSap from Paracoccidioides brasiliensis: Expression and Cell Localization. 2016. (Congresso).

115th General Meeting American Society for Microbiology. Differential Expression of Secreted Aspartyl Protease Gene PbSAP in Paracoccidioides brasiliensis After Different Stress Conditions. 2015. (Congresso).

27 Congresso Brasileiro de Microbiologia. Role of reactive oxygen/nitrogen species (ROS or RNS) and Ras GTPase in cell proliferation of Paracoccidioides brasiliensis. 2013. (Congresso).

Signalling 2013: From Structure to Function. Low concentrations of hydrogen peroxide or nitrite regulate Ras activation and stimulate cell proliferation of Paracoccidioides brasiliensis. 2013. (Congresso).

18th Congress of the International Society for Human and Animal Mycology. Reactive oxygen species and nitrogen (ROS/RNS) induce cell proliferation of Paracoccidioides brasiliensis Ras-dependent manner. 2012. (Congresso).

Encontro Brasileiro de Proteômica. Phosphoproteome analysis of the human pathogen Paracoccidioides brasiliensis. 2012. (Congresso).

Cell Signaling Networks. S-nitrosylation activates Ras-mediated cell proliferation in a two-step process from the membrane to the Golgi apparatus. 2011. (Congresso).

XI International Meeting on Paracoccidioidomycosis. Low levels of reative oxygen and nitrogen species (ROS/RNS) induce proliferation of Paracoccidioides brasiliensis. 2011. (Congresso).

VI Meeting of SFRBM South American Group. Low levels of nitric oxide induce cell proliferation and subcellular redistribuition of activated Ras. 2009. (Congresso).

Simpósio de Biologia Estrutural e Molecular.Subcellular localization of Ras protein activated under induction by nitric oxide. 2008. (Simpósio).

V Meeting of SFRBM ? South American Group and V International Conference on Peroxynitrite and Reactive Nitrogen Species.. Participation of the ERK1/2 MAP kinases and TXNIP in the nitric oxide-induced Thioredoxin-1 nuclear translocation.. 2007. (Congresso).

16th Congress of the International Society for Human and Animal Mycology. Transcriptional elements and regulation of the PbMDJ1/PbLON heat shock genes from Paracoccidioides brasiliensis. 2006. (Congresso).

IX International Meeting of Paracoccidioidomycosis. IX International Meeting of Paracoccidioidomycosis. 2005. (Congresso).

IV Congresso Brasileiro de Micologia. IV Congresso Brasileiro de Micologia. 2004. (Congresso).

XXII Congresso Brasileiro de Microbiologia. XXII Congresso Brasileiro de Microbiologia. 2003. (Congresso).

VIII International Meeting on Paracoccidioidomycosis. VIII International Meeting on Paracoccidioidomycosis. 2002. (Congresso).

III Congresso de Farmácia e Análises Clínicas de Maringá. III Congresso de Farmácia e Análises Clínicas de Maringá. 1999. (Congresso).

III Encrontro Maringaense de Homeopatia.III Encrontro Maringaense de Homeopatia. 1999. (Encontro).

VIII International Meeting on Paracoccidioidomycosis. VII International Meeting on Paracoccidioidomycosis. 1999. (Congresso).

XXII Encontro Nacional dos Estudantes de Farmácia. XXII Congresso Nacional dos Estudantes de Farmácia. 1999. (Congresso).

6ª Reunião Especial da SBPC. 6ª Reunião Especial da SBPC. 1998. (Congresso).

III Encontro Paranense de Grupos PET/CAPES.III Encontro Paranense de Grupos PET/CAPES. 1998. (Encontro).

II Jornada Científica do Hospital Universitário de Maringá.II Jornada Científica do Hospital Universitário de Maringá. 1998. (Outra).

I Seminário Científico do Centro de Ciências da Saúde.I Seminário Científico do Centro de Ciências da Saúde. 1998. (Seminário).

VII Encontro Anual de Iniciação Científica.VII Encontro Anual de Iniciação Científica. 1998. (Encontro).

VIIEncontro Estadual de Farmacêuticos Bioquímicos.VII Encontro Estadual de Farmacêuticos Bioquímicos. 1998. (Encontro).

XII Semana de Integração de Farmácia.XII Semana de Integração de Farmácia. 1998. (Encontro).

49ª Reunião Anual da SBPC. 49ª Reunião Anual da SBPC. 1997. (Congresso).

IX Simpósio Paranaense de Farmácia e Análises Clínicas.IX Simpósio Paranaense de Farmácia e Análises Clínicas. 1997. (Simpósio).

XI Semana de Integração de Farmácia.XI Semana de Integração de Farmácia. 1997. (Encontro).

X Semana de Integração de Farmácia.X Semana de Integração de Farmácia. 1996. (Encontro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

Aluno: Leila Maria dos Santos Moura

BATISTA, W. L.. Papel da acetilação proteica nos mecanismos de resposta ao estresse oxidativo de Trypanosoma cruzi. 2020. Dissertação (Mestrado em Microbiologia e Imunologia) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Kelly De Matos Marques

BATISTA, W. L.. Avaliação de actinobactérias quanto à produção de enzimas ligninolíticas para a geração de bioetanol celulósico. 2019. Dissertação (Mestrado em CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA SUSTENTABILIDADE) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Larissa Molina Favarello

BATISTA, W. L.. Avaliação da resistência aos antifúngicos azólicos e virulência em isolados de Candida tropicalis provenientes de infecção de corrente sanguínea. 2019. Dissertação (Mestrado em MEDICINA TRANSLACIONAL) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Marcelo Augusto Kazuo Ikeda

BATISTA, W. L.. Participação das vesículas extracelulares de leveduras de Sporothrix brasiliensis na resposta imune da esporotricose: estudo ex vivo e in vivo. 2018. Dissertação (Mestrado em Ciências Farmacêuticas) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Leandro Toshio Kochi

BATISTA, WAGNER LUIZ. Avaliação do papel funcional de duas proteínas de Leptospira interrogans no processo de adesão do patógeno ao hospedeiro. 2018. Dissertação (Mestrado em Biotecnologia) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Bruna Rocha Almeida

BATISTA, W. L.. Paracoccidioides brasiliensis e Paracoccidioides lutzii: diferenças na adesão e secreção de IL-8 por células epiteliais. 2018. Dissertação (Mestrado em Microbiologia e Imunologia) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Cindi Espada de Souza

BATISTA, WAGNER LUIZ. Estudo da Biodegradação de hidrocarbonetos por bactérias provindas do mar profundo. 2017. Dissertação (Mestrado em CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA SUSTENTABILIDADE) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Nara Oshiro dos Santos

BATISTA, WAGNER L.. Avaliação da atividade biológica de metabólitos de Lippia alba (Verbenaceae), Plectranthus amboinicus e Plectranthus barbatus (Lamiaceae). 2016. Dissertação (Mestrado em BIOLOGIA QUÍMICA) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Wilson Dias Segura

BATISTA, W. L.. Caracterização molecular de plasmídeos de amostras clínicas brasileiras carreadoras do gene qnr. 2016. Dissertação (Mestrado em Infectologia) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Fernanda Camila Gutierres

BATISTA, WAGNER L.. Avaliação e identificação do potencial biorredutor de microrganismos isolados do processo de compostagem do Zoológico de São Paulo. 2015. Dissertação (Mestrado em CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA SUSTENTABILIDADE) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Marina Gonçlaves Capeletto

BATISTA, W. L.. Estudos visando à síntese estereosseletiva da 4-ariltetralona resolução cinética enzimática do 4-ariltetralol. 2014. Dissertação (Mestrado em CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA SUSTENTABILIDADE) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Juliana Cristina pereira Calado

BATISTA, W. L.. A via de sinalização celular mediada pelo óxido nítrico e pelo receptor para o fator de crescimento epidérmico (EGF-R) associado ao pré-condicionamento isquêmico e sua relação com o fator de crescimento vascular endotelial (VEGF). 2013. Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas (Biologia Molecular)) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Grasielle Pereira Jannuzzi

BATISTA, W. L.. Caracterização fenotípica de células dendríticas transfectadas com scFv obtido a partir de anticorpo monoclonal anti-idiotípica Ab2-beta, que mimetiza o antígeno gp43 de Paracoccidioides brasiliensis. 2013. Dissertação (Mestrado em Ciências Farmacêuticas) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Lavïnia Maria Dal'Mas Romero

BATISTA, W. L.. Análises da interação entre Paracoccidioides brasiliensis e macrófagos através de receptores do tipo notch. 2012. Dissertação (Mestrado em Farmácia (Fisiopatologia e Toxicologia)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Thâmara Aline Bertoni

BATISTA, W. L.. Diagnóstico Laboratorial entre tuberculose e paracoccidioidomicose. 2009. Dissertação (Mestrado em Biociências Aplicadas à Farmácia) - Universidade Estadual de Maringá.

Aluno: Camila Pistelli Caldini

BATISTA, W. L.; CAMARGO, Z. P.; ALMEIDA, S.. Obtenção de peptídeos representativo da gp75 de Paracoccidioides brasiliensis por phage display. 2009. Dissertação (Mestrado em Microbiologia e Imunologia) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Natália Girola

BATISTA, WAGNER L.. Mecanismos de ação antitumoral de peptídeos baseados em sequências hipervariáveis de imunoglobulinas contra o melanoma murino B16F10-Nex2. 2020. Tese (Doutorado em Microbiologia e Imunologia) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Bianca Carla Silva Campitelli de Barros

BATISTA, W. L.. Envolvimento de receptores do tipo Toll e integrinas na secreção de IL-8 por células epiteliais durante a infecção com Paracoccidioides brasiliensis. 2020. Tese (Doutorado em Microbiologia e Imunologia) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Felipe Beccaria Casagrande

BATISTA, W. L.. Insulina modula migração celular e a secreção de citocinas na vigência da infecção pulmonar por Paracoccidioides brasiliensis em camundongos diabéticos e não-diabéticos. 2020. Tese (Doutorado em Ciências Farmacêuticas) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Thiago Nunes Roberto

BATISTA, W. L.. Caracterização das proteínas parceiras de Ape4, AMS1 e Atg8 durante o processo de autofagia em Cryptococcus neoformans: estudo sobre os impactos na virulência e sensibilidade aos antifúngicos. 2019. Tese (Doutorado em BIOLOGIA QUÍMICA) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Thiago Nunes Roberto

BATISTA, W. L.. Caracterização das proteínas parceiras de Ape4, Ams1 e Atg8 durante o processo de autofagia em Cryptococcus neoformans: estudo sobre os impactos na virulência e sensibilidade aos antifúngicos. 2019. Tese (Doutorado em BIOLOGIA QUÍMICA) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Camila Ioshida Vasconcelos

BATISTA, W. L.. Caracterização das vesículas extracelulares liberadas por tripomastigotas do Trypanosoma cruzi sob distintas condições de estresse biológico. 2019. Tese (Doutorado em Infectologia) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Jose Roberto Fogaça de Almeida

BATISTA, W. L.. Caracterização e avaliação da capacidade protetora dos peptídeos imunogênicos de Sporothrix brasiliensis. 2018. Tese (Doutorado em Farmácia (Fisiopatologia e Toxicologia)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Cristiane Alcantara Lira

BATISTA, WAGNER LUIZ. Estudo sobre os mecanismos celulares envolvidos na secreção de citocinas por células epiteliais durante a interação com o quimiotipos I e II de Histoplasma capsulatum. 2018. Tese (Doutorado em Microbiologia e Imunologia) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Natanael Pinheiro Leitão Junior

BATISTA, WAGNER LUIZ. Caracterização de vesículas extracelulares de fungos patogênicos sob estresse e seu papel na comunicação celular. 2017. Tese (Doutorado em Microbiologia e Imunologia) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Fábio Seiti Yamada Yoshikawa

BATISTA, W. L.. A participação dos receptores da imunidade inata na resposta contra Trichophyton rubrum. 2016. Tese (Doutorado em Farmácia (Fisiopatologia e Toxicologia)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Matheus Rodrigues Lopes

BATISTA, W. L.. Caracterização das células estromais mesenquimais derivadas de medula óssea de pacientes com Sindromes Mielodisplásicas e Leucemia Mielóide Aguda e o estudo da biologia da interleucina- 32 no microambiente medular. 2016. Tese (Doutorado em Fisiopatologia Médica) - Universidade Estadual de Campinas.

Aluno: Joes Nogueira Neto

BATISTA, W. L.. Estudo sobre a participaçào de células B-1 e de linfócitos T "Natural Killer" invariantes na resposta imunológica ao Paracoccidioides brasiliensis. 2016. Tese (Doutorado em Microbiologia e Imunologia) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Lavínia Maria Dal?Mas Romera

BATISTA, WAGNER L.. Caracterização da inter-relação entre as vias de sinalização Notch e TLR na paracoccidioidomicose experimental. 2016. Tese (Doutorado em Farmácia (Fisiopatologia e Toxicologia)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Carlos Rogério de Figueiredo

BATISTA, W. L.. Avaliação do potencial antitumoral de peptídeos baseados em sequências hipervariáveis de CDRs: atividade antitumoral e mecanismo de ação in vitro e in vivo do peptídeo C36 derivado do Vl CDR (L1), no melanoma murino B16F10-Nex2. 2015. Tese (Doutorado em Microbiologia e Imunologia) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Amanda Nogueira Pedro

BATISTA, W. L.. Estudo da ação do peróxido de hidrogênio (H2O2) e do óxido nítrico (NO) na modulação da hematopoese. 2014. Tese (Doutorado em Ciências Biológicas (Biologia Molecular)) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Patrícia de Souza Bonfim de Mendonça

BATISTA, W. L.. Aspectos relevantes sobre a etiofisiopatologia da candidíase vulvovaginal e ação imunoduladora de beta-glucana. 2014. Tese (Doutorado em Ciências da Saúde) - Universidade Estadual de Maringá.

Aluno: Suélen Santos

BATISTA, W. L.. Direcionamento da gp43 recombinante para células dendriticas in vivo; uma nova estrategia para o desenvolvimento de vacina na paracoccidioidomicose.. 2014. Tese (Doutorado em Farmácia (Fisiopatologia e Toxicologia)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Larissa Valle Guilhen Longo

BATISTA, W. L.. Identificação de proteínas plasmáticas e de componentes proteicos e lipídicos na parede celular de dois isolados geneticamente distintos de Paracoccidioides brasiliensis. 2013. Tese (Doutorado em Microbiologia e Imunologia) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Luciana Pescatore Alves

BATISTA, W. L.; KOVACIC, H.; CHAMMAS, R.; FORTI, F. L.; LAURINDO, F. R. M.. Papel da dissulfito isomerase proteica (PDI) na migração de células musculares lisas vasculares: possível envolvimento de NOX1 NADPH oxidase e RhoGTPases. 2012. Tese (Doutorado em Cardiologia) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Ellen Tihe Gravi

BATISTA, W. L.. Identificação de atividade metalo-oligopeptidásica thimet-like em Paracoccidioides brasiliensis: um novo fator de patogenicidade fúngica?. 2010. Tese (Doutorado em Microbiologia e Imunologia) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Lidiane Maria dos Santos Lima

BATISTA, W. L.. Hidroalses e oxidorredutases microbianas para aplicação em biorrefinarias. 2019. Exame de qualificação (Doutorando em CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA SUSTENTABILIDADE) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Bianca Carla Silva Campitelli de Barros

BATISTA, W. L.. Envolvimento de receptores do tipo Toll, integrinas e suas respectivas vias de sinalização celular na secreção por células epiteliais durante a infecção com Paracoccidioides brasiliensis. 2019. Exame de qualificação (Doutorando em Microbiologia e Imunologia) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Brenda Daroz

BATISTA, W. L.. Obtenção de mutantes de Leptospira filexa e Leptospira interrogans para avaliação do papel funcional de proteínas do tipo HtrA presentes nas estirpes patogênicas. 2019.

Aluno: Gregory Pedroso dos Santos

BATISTA, W. L.. Cyclophilin 19 a new player in oxidative stress during Trypanosoma cruzi infection. 2019. Exame de qualificação (Doutorando em Microbiologia e Imunologia) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Kevin Felipe Cruz Martho

BATISTA, W. L.. Estudo dos elementos regulatórios que controlam a captação de aminoácidos em Cryptococcus neoformans. 2019. Exame de qualificação (Doutorando em Biotecnologia) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Gregory Gebembauer

BATISTA, WAGNER LUIZ. Caracterização de epitopos contendo resíduos de alfa-galactopi. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Microbiologia e Imunologia) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Cristiane Alcântara

BATISTA, W. L.. Estudos sobre os mecanismos celulares envolvidos na secreção de citocinas por células epiteliais durante a interação com os quimiotipos I e II de Histoplasma capsulatum. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Microbiologia e Imunologia) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Camilla Ioshida de Vasconcelos

BATISTA, WAGNER L.. Caracterização das vesículas extracelulares liberadas por tripomastigotas do T. cruzi sob distintas condições de estresse biológico. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Infectologia) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Jose Roberto Fogaça de Almeida

BATISTA, WAGNER LUIZ. Caracterização e avaliação da capacidade protetora dos peptídeos imunogênicos de Sprothrix brasiliensis. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Farmácia (Fisiopatologia e Toxicologia)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Joes Nogueira Neto

BATISTA, W. L.. Papel das células NKT no modelo murino de paracoccidioidomicose. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Microbiologia e Imunologia) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Natanael Pinheiro Leitão Junior

BATISTA, W. L.TRAVASSOS, L. R.; MORTARA, R. A.. Caracterização de vesículas extrace;lulares de fungos patogênicos sob estresse e de seu papel na comunicação celular. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Microbiologia e Imunologia) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Mariana Toricelli Pinto

BATISTA, W. L.. Determinação de vias de sinalização pelo complexo CD63, Timp1 e beta1-integrinas ao longo da gênese do melanoma. 2013. Exame de qualificação (Doutorando em Farmacologia) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Carlos Rogério de Figueiredo

BATISTA, W. L.. Peptídeos derivados das regiões CDRs de imunoglobulinas com potencial antitumoral.. 2013.

Aluno: Vivian Martinho

BATISTA, W. L.. Estudo da biotransformação de dímeros de fenil-propanóides por fungos filamentosos do cerrado brasileiro. 2019. Exame de qualificação (Mestrando em CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA SUSTENTABILIDADE) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Ághata Cardoso da Silva Ribeiro

BATISTA, W. L.. Análise da expressão dos genes ompF e recA em Escherichia coli exposta antimobianos e Docking Molecular para inibidores da RecA. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Ciências Farmacêuticas) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Anderson Rodrigo Moreira

BATISTA, WAGNER LUIZ. Identificação e quantificação de produtos de degradação em processos de tratamento de efluentes industriais. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA SUSTENTABILIDADE) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Marcelo da Silva Freitas

BATISTA, W. L.. Obtenção e caracterizaçào de pró-fármacos derivados de terpenos de origem vegetal com potencial atividade antichagas. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Ciências Farmacêuticas) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Lidiane Maria dos Santos Lima

BATISTA, W. L.. Atividade enzimática de fungos voltada à aplicação em processos de geração de bioetanol. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA SUSTENTABILIDADE) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: MERYELLEN PEREIRA SANTOS

BATISTA, W. L.. Caracterização e triagem ligninolítica de fungos filamentosos isolados de aves migratórias provenientes da Fundação Zoológico de São Paulo. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA SUSTENTABILIDADE) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Fernanda Camila Gutierres

BATISTA, W. L.. Avaliação e identificação do potencial biorredutor de microrganismos isolados do processo de compostagem do Zoológico de São Paulo. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA SUSTENTABILIDADE) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Roney Henrique Pereira

BATISTA, W. L.. Estudo dos efeitos da terapia de scFv que mimetiza o antígeno gp43 de Paracoccidioides brasiliensis conjugado à. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Análises Clínicas) - Faculdade de Ciências Farmacêuticas.

Aluno: Marina Gonçalvez Capeletto

BATISTA, W. L.. Bio redução e oxidação. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA SUSTENTABILIDADE) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Adriana Montoro

BATISTA, W. L.. A importância do teste de desafio microbiano de conservantes para o desenvolvimento de produtos cosméticos e farmacêuticos. 2008. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Microbilogia Aplicada) - Universidade Metodista de São Paulo.

Aluno: Graziella Almeida

BATISTA, W. L.. Contaminação microbiologia do ambiente escola. 2008. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Microbilogia Aplicada) - Universidade Metodista de São Paulo.

Aluno: Priscila Teodoro Caliani

BATISTA, W. L.. Avaliação microbiológica da água mineral natural comercializada em São Paulo. 2008. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Microbilogia Aplicada) - Universidade Metodista de São Paulo.

Aluno: Thalita Krisllen Teixeira da Silva

BATISTA, W. L.OGATA FTMONTEIRO, H. P.. Estudo do estímulo da via PI3K/Akt/mTOR promovido pelo óxido nítrico e possível relação com o crescimento e proliferação em células tumorais de tumor de mama MDA-MB-231. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia e Bioquímica) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Jhamisson Ribeiro Lopes

BATISTA, WAGNER LUIZ. A esporotricose: uma micose causada pelo fungo dimórfico Sporothrix sp. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia e Bioquímica) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Sabrina Moreira Marcolin

BATISTA, WAGNER LUIZ. Validação de métodos microbiológicos rápidos com aplicação focada na indústria farmacêutica. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia e Bioquímica) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Ingrid Tscherne e Pastrelo

BATISTA, W. L.. PERFIL ANDROGÊNICO EM MULHERES ADULTAS COM ACNE. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia e Bioquímica) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Patricia Carolina Lucas

BATISTA, W. L.. Comparação do teste microbiológico de doseamento de antibióticos: proposta de harmonização. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia e Bioquímica) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Thiago Eichi Goto

BATISTA, W. L.. Pontos Quânticos em modelos e membrana e possível uso para diagnóstico de doenças. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia e Bioquímica) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Leonardo T

BATISTA, W. L.. Moura, Simone Perin e Thiago F, de Abreu.Obtenção de lipídeos para a produção de biodiesel por meio de processo biotecnologico usando glicerol como fonte de substrato. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Química) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Veridiana de Freitas Tofik

BATISTA, W. L.. Deleção da antranilato sintase e suas implicações nos fatores de virulência da levedura patogênica Cryptococcus neoformans. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Amanda Luíza Basilio Belisario

BATISTA, W. L.. Avaliação da permeabilidade microbiana e atividade antimicorbiana de filmes bioativos com fitoterápicos. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia e Bioquímica) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Sâmia El Hajj

BATISTA, W. L.. O uso das fluoroquinolonas e suas consequências no âmbito clínico e ambiental. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia e Bioquímica) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Bruna Mariane Dionisio

BATISTA, W. L.. Prospecção de óleos essenciais. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia) - Universidade Federal de São Paulo, Campus Diadema.

BATISTA, W. L.. Engenharia Bioquímica. 2016. Universidade Federal de São Paulo.

BATISTA, W. L.. Matemática/Pratica de Ensino de Matemática e Estágio Supervisionado. 2015. Universidade Federal de São Paulo.

BATISTA, W. L.. Microbiologia/Microbiologia Ambiental. 2015. Universidade Federal de São Paulo.

BATISTA, W. L.. Fundamentos de Parasitologia, Imunologia e Microbiologia. 2015. Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

BATISTA, W. L.. MICROBIOLOGIA/TRANSFORMAÇÕES MICROLÓGICAS NO MEIO AMBIENTE. 2014. Universidade Federal de São Paulo.

BATISTA, W. L.. Ensino de Ciências e Matemática - Estágio Supervisionado, pRÁTICA pEDAGÓGICA. 2014. Universidade Federal de São Paulo.

BATISTA, W. L.. Controle de Qualidade Microbiológica. 2014. Faculdade de Medicina do ABC.

BATISTA, W. L.. Concurso Público para Docente - Controle de Qualidade. 2013.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Patrícia Silva Cisalpino

PUCCIA, R.; SOARES, C. M. A.;CISALPINO, P.S.Franco da Silveira, J. Dupla localização da proteína de choque térmico Mdj1 em Paracoccidioides brasiliensis, identificação de elementos de transcrição na região 5´ intergênica compartilhada pelo genes MDJ1/LON e avaliação da sua expressão gênica. 2006. Tese (Doutorado em Microbiologia e Imunologia) - Universidade Federal de São Paulo.

Célia Maria de Almeida Soares

PUCCIA, RosanaSoares, C.M.; GOMES, S. L.;SILVEIRA FILHO, J. F.. Dupla localização da proteína de choque térmico MDj1 em Paracoccidioides brasiliensis, identificação de elementos de transcrição na região 5 intergênica compartilhada pelos genes MDJ1/LON e avaliação da sua expressão gênica. 2006. Tese (Doutorado em Ciências Biológicas (Biologia Molecular)) - Universidade Federal de São Paulo.

Rosana Puccia

PUCCIA, R.SOARES, C. M. A.. Dupla localização da proteína de choque térmico Mdj1 em paracoccidioides brasiliensis, identificação de elementos de trancrição na região 5? intergênica compartilhada pelos genes Mdj1/LON e avaliação de sua expressão gênica. 2006. Tese (Doutorado em Microbiologia e Imunologia) - Universidade Federal de São Paulo.

Leonardo Nimrichter

NIMRICHTER, L.. Dupla localização da proteína de choque térmico Mdj1 em Paracoccidioides brasiliensis, identificação de elementos de transcrição na região 5' intergência compartilhada pelos genes MDJ1/LON e avaliação da sua expressão gênica. 2006. Tese (Doutorado em Micro-Imuno-Parasitologia) - Universidade Federal de São Paulo.

José Franco da Silveira Filho

Franco da Silveira, J.. Dupla localização da proteína de choque térmico Mdj1 em Paracoccidiodes brasiliensis. 2006. Tese (Doutorado em Microbiologia e Imunologia) - Universidade Federal de São Paulo.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Orientou

Yasmin Nascimento de Barros

Avaliação da modulação dos componentes da parade celular de Paracoccidioides brasiliensis em resposta às condições de hipóxia; Início: 2019; Dissertação (Mestrado em Ciências Farmacêuticas) - Universidade Federal de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; (Orientador);

Marina Valente Navarro

Estudo do papel da Histidina quinase reguladora do dimorfismo (Drk1) do fungo patogênico Paracoccidioides brasiliensis; Início: 2018; Tese (Doutorado em Microbiologia e Imunologia) - Universidade Federal de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; (Orientador);

Rafael de Souza Silva

Caracterização bioquímica da Aspartil Protease Secretada (PbSap) de Paracoccidioides brasiliensis e avaliação do seu papel na modulação da relação parasito-hospedeiro; Início: 2018; Tese (Doutorado em Microbiologia e Imunologia) - Universidade Federal de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; (Orientador);

Marina Valente Navarro

Avaliação de modificações pós-traducionais de caráter redox do fungo Paracoccidioides brasiliensis após estresse nitrosativo; 2015; Dissertação (Mestrado em Microbiologia e Imunologia) - Universidade Federal de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Wagner Luiz Batista;

Palloma Mendes Conceição

Estudo da atividade da GTPase Ras de Paracoccidioides brasiliensis durante o termo-dimorfismo do fungo e após estresse induzido por espécies reativas de oxigênio e nitrogênio; 2015; Dissertação (Mestrado em Ciências Farmacêuticas) - Universidade Federal de São Paulo,; Orientador: Wagner Luiz Batista;

Wagner Francisco Kennerly Marcondes Gonzaga

Estudo do papel das células B1 na infecção experimental por Leishimania amazonensis; 2014; Dissertação (Mestrado em Microbiologia e Imunologia) - Universidade Federal de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Wagner Luiz Batista;

Alison Felipe Alencar Chaves

Avaliação do fosfoproteoma do fungo patogênico Paracoccidioides brasiliensis sob estresse oxidativo; 2014; Dissertação (Mestrado em Microbiologia e Imunologia) - Universidade Federal de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Orientador: Wagner Luiz Batista;

Daniele Gonçalves Castilho

Avaliação quantitativa do proteoma do fungo Paracoccidioides brasiliensis, isolado Pb18, com diferentes graus de virulência; 2013; Dissertação (Mestrado em Microbiologia e Imunologia) - Universidade Federal de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Wagner Luiz Batista;

Rodrigo Bernardi Miguel

Estudo sobre a metabolização de nitrosoglutationa pela Tiorredoxina (TRX) em HeLa; 2013; Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas (Biologia Molecular)) - Universidade Federal de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Coorientador: Wagner Luiz Batista;

Pedro Paulo Morais Mathias

Silenciamento específico das variantes de splicing alternativo das óxido nítrico sintase induzível pela tecnologia de siRNA; 2012; Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas (Biologia Molecular)) - Universidade Federal de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Coorientador: Wagner Luiz Batista;

Ana Eliza Coronel Janu Haniu

Estudo da funcionalidade da GTPases Ras de Paracoccidioides brasiliensis em condições de estresse oxidativo e nitrosativo; 2012; Dissertação (Mestrado em Microbiologia e Imunologia) - Universidade Federal de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Wagner Luiz Batista;

Ítala Bruna Z

Dourado; O perfil de localização da chaperone de choque térmico Mdj1; 2012; Dissertação (Mestrado em Microbiologia e Imunologia) - Universidade Federal de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Coorientador: Wagner Luiz Batista;

Alison Felipe Alencar Chaves

Regulação da maquinaria de reparo do DNA em Paracoccidioides brasiliensis durante o estresse oxidativo; 2019; Tese (Doutorado em Microbiologia e Imunologia) - Universidade Federal de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Orientador: Wagner Luiz Batista;

Daniele Gonçalves Castilho

Estudo do papel da aspartil protease secretada (PbSap) na virulência do fungo patogênico Paracoccidioides brasiliensis; 2018; Tese (Doutorado em Microbiologia e Imunologia) - Universidade Federal de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Orientador: Wagner Luiz Batista;

Juliana Cristina pereira Calado

Bioprospecção do potencial antimicrobiano, antiparasitário r antitumoral de metabólitos secundários produzidos por fungos do gênero Aspergillus spp; ; 2018; Tese (Doutorado em Microbiologia e Imunologia) - Universidade Federal de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Wagner Luiz Batista;

Scheilla Teixeira Strumillo

Estudo da compartimentalização de Ras em células da linhagem de tumores humanos de mama MDA-MB-231 mediante ativação por fontes endógenas e exógenas de óxido nítrico (NO); 2015; Tese (Doutorado em Ciências Biológicas (Biologia Molecular)) - Universidade Federal de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Coorientador: Wagner Luiz Batista;

Paulo Costa

Estudo da participação de Src kinase no processo de anoikes induzido por SNP; 2011; Tese (Doutorado em Ciências Biológicas (Biologia Molecular)) - Universidade Federal de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Coorientador: Wagner Luiz Batista;

Roberta Eller Borges

Estudo do papel do óxido nítrico na ativação da GTPase Rac-1 e seu envolvimento na manutenção e progressão da metástase tumoral; 2009; Tese (Doutorado em Ciências Biológicas (Biologia Molecular)) - Universidade Federal de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Coorientador: Wagner Luiz Batista;

Juliana Terzi Maricato

Clonagem, caracterização e expressão do gene que codifica a glicoproteína de 70 kDa (gp70) de Paracoccidioides brasiliensis; 2009; Tese (Doutorado em Microbiologia e Imunologia) - Universidade Federal de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Coorientador: Wagner Luiz Batista;

Giannina Ricci

Identificação e análise de grupos genéticos em Paracoccidioides brasiliensis em material proveniente de biópsias e sua associação com a histologia imunohistoquímica; 2007; Tese (Doutorado em Patologia) - Universidade Federal de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Coorientador: Wagner Luiz Batista;

Ana Eliza Coronel Janu Haniu

Paracoccidioides brasiliensis: resposta ao estresse oxidativo; 2011; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Biotecnologia) - Faculdade Oswaldo Cruz; Orientador: Wagner Luiz Batista;

Valeska Tscherne e Pastrelo

RESISTÊNCIAS A ANTIFÚNGICOS: UM PROBLEMA EMERGENTE; 2015; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Farmácia e Bioquímica) - Universidade Federal de São Paulo; Orientador: Wagner Luiz Batista;

Lucia Helena Gonçalves Silva

Metabólitos secundários de fungos e sua evolução na inserção no mercado e avanço nas pesquisas clínicas; 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Farmácia e Bioquímica) - Universidade Federal de São Paulo; Orientador: Wagner Luiz Batista;

Beatriz Furue de Castro

Clonagem e expressão da proteína recombinante nitroredutase de Paraccidioides brasiliensis; 2019; Iniciação Científica; (Graduando em Farmácia e Bioquímica) - Universidade Federal de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Wagner Luiz Batista;

Marina Valente Navarro

Análise proteomica do fungo Paracoccidioides brasiliensis após estresse nitrosativo; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Wagner Luiz Batista;

Ísis Casula

S-nitroso proteoma de Paracoccidioides brasiliensis após estresse nitrosativo; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências Ambientais) - Universidade Federal de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Wagner Luiz Batista;

Rodrigo da Silva

Expressão da proteína recombinante Ras1 e Ras2 de Paracoccidioides brasiliensis; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Farmácia e Bioquímica) - Universidade Federal de São Paulo; Orientador: Wagner Luiz Batista;

Daniele Gonçalves Castilho

Análise proteômica comparativa do fungo patogênico Paracoccidioides brasiliensis com diferentes graus de virulência; 2011; Iniciação Científica - Universidade Federal de São Paulo, Campus Diadema, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Orientador: Wagner Luiz Batista;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Terezinha Inez Estivalet Svidzinski

A paracoccidoidomicose na região de Maringá: diagnóstico e estudo dos isolados clínicos; 2000; 0 f; Orientação de outra natureza - Universidade Estadual de Maringá, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Terezinha Inez Estivalet Svidzinski;

Hugo Pequeno Monteiro

2009; Universidade Federal de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Hugo Pequeno Monteiro;

Sandra Fátima Menosi Gualandro

Estágio no Laboratório de Hematologia do Serviço de Hematologia do HC FMUSP; 2008; Orientação de outra natureza - Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo; Orientador: Sandra Fatima Menosi Gualandro;

Sandra Fátima Menosi Gualandro

Estágio no Laboratório de Hematologia do Serviço de Hematologia do HC FMUSP; 2008; Orientação de outra natureza - Universidade Estadual de Maringá; Orientador: Sandra Fatima Menosi Gualandro;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • NAVARRO, MARINA V ; CHAVES, ALISON F. A. ; CASTILHO, D. G. ; CASULA, I. ; CALADO, J. C. P. ; CONCEIÇÃO, PALLOMA M. ; Iwai LK ; CASTRO, B. F. ; BATISTA, W. L. . Effect of Nitrosative Stress on the S-nitroso-Proteome of Paracoccidioides brasiliensis. Frontiers in Microbiology , v. 11, p. 1-16, 2020.

  • CONCEIÇÃO, PALLOMA MENDES ; CHAVES, ALISON FELIPE ALENCAR ; NAVARRO, MARINA VALENTE ; CASTILHO, DANIELE GONÇALVES ; CALADO, JULIANA CRISTINA P. ; HANIU, ANA ELISA CORONEL JANU ; XANDER, PATRICIA ; BATISTA, WAGNER L. . Cross-talk between the Ras GTPase and the Hog1 survival pathways in response to nitrosative stress in Paracoccidioides brasiliensis. NITRIC OXIDE-BIOLOGY AND CHEMISTRY , v. 1, p. 1, 2019.

  • CURCIO, MARLI F. ; BATISTA, WAGNER L. ; CASTRO, ELOÍSA D. ; STRUMILLO, SCHEILLA T. ; OGATA, FERNANDO T. ; ALKMIM, WAGNER ; BRUNIALTI, MILENA K.C. ; SALOMÃO, REINALDO ; TURCATO, GILBERTO ; DIAZ, RICARDO S. ; Monteiro, Hugo P. ; JANINI, LUIZ MÁRIO R. . Nitric oxide stimulates a PKC-Src-Akt signaling axis which increases human immunodeficiency virus type 1 replication in human T lymphocytes. NITRIC OXIDE-BIOLOGY AND CHEMISTRY , v. 1, p. 1-9, 2019.

  • MATSUO, ALISSON L. ; JULIANO, MARIA APARECIDA ; BATISTA, W. L. ; TANAKA, A. S. ; TRAVASSOS, L. R. R. B. . A New Phage-Display Tumor-Homing Peptide Fused to Antiangiogenic Peptide Generates a Novel Bioactive Molecule with Antimelanoma Activity. MOLECULAR CANCER RESEARCH , v. 9, p. 1471-1478, 2011.

  • ARAI, ROBERTO J. ; OGATA, FERNANDO T. ; BATISTA, WAGNER L. ; MASUTANI, HIROSHI ; YODOI, JUNJI ; DEBBAS, VICTOR ; AUGUSTO, OHARA ; Stern, Arnold ; Monteiro, Hugo P. . Thioredoxin-1 promotes survival in cells exposed to S-nitrosoglutathione: Correlation with reduction of intracellular levels of nitrosothiols and up-regulation of the ERK1/2 MAP Kinases. TOXICOLOGY AND APPLIED PHARMACOLOGY , v. 233, p. 227-237, 2008.

  • BATISTA, W. L. ; BARROS, T. F. ; GOLDMAN, G. H. ; PUCCIA, R. . Molecular characterization of the MDJ1 homolog from Paracoccidioides brasiliensis. Annual review of biomedical sciences , 2002.

  • MELLO, A. C. ; ZAUPA, C. ; BERNES JUNIOR, E. A. ; FABRO, F. M. ; CHANQUE, P. R. S. ; BATISTA, W. L. ; CORTES, D. A. ; AUDI, E. A. ; BERSANI-AMADO, C. A. . Avaliação das atividades farmacológicas do extrato liofilizado de Potomorphe umbellata (Piperacea). Arquivos de Ciências da Saúde da UNIPAR , v. 4, n.1, p. 68-68, 2000.

  • ALBERTON, J. R. ; BATISTA, W. L. ; CAMPOS, E. J. V. ; CHANQUE, P. R. S. ; FABRO, F. M. ; RUFINO, M. O. ; AUDI, E. A. ; CORTES, D. A. ; MELLO, J. C. P. ; NAKAMURA, C. . Atividade antibacteriana do extrato vegetal bruto de Bauhinia variegata. Arquivos de Ciências da Saúde da UNIPAR , v. 2, 1998.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2019 - Atual

    O DESENVOLVIMENTO TUMORAL SOB A ÓTICA DA SINALIZAÇÃO CELULAR REDOX: MODULAÇÃO TEMPORAL DA PRODUÇÃO DE ÓXIDO NÍTRICO E ESPÉCIES REATIVAS DE OXIGÊNIO, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Hugo Pequeno Monteiro em 30/10/2019., Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (4) . , Integrantes: Wagner Luiz Batista - Integrante / Hugo Pequeno Monteiro - Coordenador / Luiz S. Longo Jr - Integrante / Elaine Guadalupe Rodrigues - Integrante / adriana Karla Amorim - Integrante., Financiador(es): (FAPESP) Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2017 - Atual

    Avaliação das proteínas S-nitrosiladas do fungo Paracoccidioides brasiliensis após estresse nitrosativo e identificação de potenciais vias de sinalização redox, Descrição: Os fungos termo-dimórficos do gênero Paracoccidioides são os agentes causadores da paracoccidioidomicose (PCM), uma doença sistêmica prevalente na América Latina, que se estabelece através da inalação de conídios. Este fungo é considerado um patógeno intracelular facultativo capaz de sobreviver e replicar dentro de macrófagos não ativados. A sobrevivência do P. brasiliensis no hospedeiro, durante a infecção, depende da adaptação do fungo a diferentes condições, notoriamente ao estresse oxidativo/nitrosativo imposto por células do sistema imune, particularmente macrófagos alveolares. Atualmente, pouco se conhece sobre as vias de transdução de sinal deste fungo envolvidas na resposta aos mecanismos de defesa do hospedeiro. Certamente algumas destas vias são desencadeadas por espécies reativas de oxigênio e nitrogênio (ROS/RNS) geradas por células do hospedeiro. Levando-se em conta que o efeito do NO (óxido nítrico) sobre o patógeno é dependente das concentrações disponíveis, tais efeitos podem modular diferencialmente o status redox celular e consequentemente ativar distintas vias de sinalização. Esse evento é muito bem regulado e dinâmico e pode influenciar uma variedade de funções de proteínas. Entre as diversas reações oxidativas que podem ocorrer em cisteínas, destaca-se a S-nitrosilação, uma importante modificação pós-traducional dependente de NO que regula uma grande variedade de funções celulares e eventos de sinalização. Recentemente foi demonstrado por nosso grupo que células leveduriformes de Paracoccidioides proliferam quando expostas a baixas concentrações de NO. Dessa forma, este trabalho propõe avaliar o perfil de proteínas S-nitrosiladas em P. brasiliensis, bem como a detecção de sítios de S-nitrosilação, após o estímulo com diferentes concentrações de RNS e identificar potenciais vias de sinalização redox. A identificação de proteínas geradas em uma condição de estresse nitrosativo, pode ajudar na compreensão das propriedades antifúngicas das RNS e futuramente identificar potenciais alvos moleculares para o desenvolvimento de novas drogas.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Wagner Luiz Batista - Coordenador / CASTILHO, DANIELE G. - Integrante / CHAVES, ALISON F. A. - Integrante / NAVARRO, MARINA V. - Integrante.

  • 2014 - Atual

    Avaliação do papel da Aspartil Protease Secretada (PbSAP) na virulência e no dimorfismo do fungo patogênico Paracoccidioides brasiliensis, Descrição: Paracoccidioides brasiliensis, fungo dimórfico termo-dependente, é o agente etiológico da paracoccidioidomicose (PCM). A infecção pelo fungo ocorre por inalação de conídeos presentes no meio ambiente. Para o desenvolvimento da doença é imprescindível que os conídeos alojados nos alvéolos pulmonares passem para a fase leveduriforme, sendo esse evento dependente do aumento da temperatura. O desenvolvimento da doença depende de fatores associados com a resposta imune do hospedeiro e características do agente infeccioso, principalmente a virulência. Alguns componentes foram apontados como potenciais fatores implicados na virulência do P. brasiliensis e na interação parasita/hospedeiro, porém poucas moléculas envolvidas com a patogenicidade do fungo foram descritas. Estudos de proteômica quantitativa realizados em nosso laboratório utilizando o isolado Pb18 com distintos graus de virulência mostraram que existem diferenças no conteúdo proteico entre esses isolados, e as proteínas encontradas diferencialmente expressas no isolado Pb18 virulento mostraram-se como potenciais fatores de virulência. Entre as proteínas com a expressão aumentada destaca-se a proteína vacuolar A, também denominada como sendo a aspartil protease secretada - PbSAP de P. lutzii (antigamente conhecido como Pb01). A expressão desta proteína mostrou-se 7,1 vezes maior no isolado Pb18 virulento quando comparado a Pb18 atenuado. As aspartil proteases secretadas são descritas como tendo papel importante na infecção de muitos fungos patogênicos. O estudo desta proteína secretada pode auxiliar no entendimento dos mecanismos de infecção do P. brasiliensis. Desse modo, este projeto busca investigar o papel da PbSAP na virulência do P. brasiliensis (isolado Pb18). Para tanto, será realizado o silenciamento do gene PbSAP através da tecnologia de RNA anti-sense associado a transformação mediado por Agrobacterium tumefaciens. Este estudo poderá contribuir, de forma significativa, para o entendimento do papel desta protease na patogênese da PCM, possibilitando a identificação de novo alvo terapêutico ou mesmo biomarcador de virulência nesta importante micose sistêmica.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Wagner Luiz Batista - Coordenador / Patricia Xander - Integrante / Daniele Gonçalvez Castilho - Integrante / Alison Felipe Alencar Chaves - Integrante / marina valente navarro - Integrante.

  • 2013 - Atual

    Estudo da atividade da GTPase Ras de Paracoccidioides brasiliensis durante o termo-dimorfismo do fungo e após estresse induzido por espécies reativas de oxigênio e nitrogênio, Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Wagner Luiz Batista - Coordenador / Juliana C. P. Calado - Integrante / Daniele Gonçalvez Castilho - Integrante / Alison Felipe Alencar Chaves - Integrante / marina valente navarro - Integrante.

  • 2012 - Atual

    Caracterização proteômica e peptidômica dos venenos de aranhas brasileiras por espectrometria de massas, Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Wagner Luiz Batista - Integrante / Alexandre Kenji Tashima - Coordenador / Ana Karina de Oliveira - Integrante / André Zelanis Palitot Pereira - Integrante / Pedro Ismael da Silva Júnior - Integrante / Robson Lopes de Melo - Integrante / Solange Maria de Toledo Serrano - Integrante.

  • 2011 - Atual

    Avaliação do envolvimento da GTPase Ras de Paracoccidioides brasiliensis no termo-dimorfismo do fungo e durante o estresse oxidativo e nitrosativo, Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Wagner Luiz Batista - Coordenador / Rosana Puccia - Integrante / Ana Eliza Coronel Janu Haniu - Integrante / Alexandre Kenji Tashima - Integrante / Daniele Castilho - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2011 - Atual

    Caracterização, expressão e modelagem molecular das proteínas Trr1 e Als3 de Candida spp. como estratégia para obtenção de novos fármacos com ação sobre leveduras envolvidas em infecções hospitalares, Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Wagner Luiz Batista - Integrante / Luciano Ângelo de Souza Bernardes - Integrante / Patricia Xander - Integrante / Terezinha Inez Estivalet Svidzinski - Coordenador / erika s kioshima - Integrante / jose daniel lopes - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2011 - Atual

    Análise comparativa do proteoma do fungo patogênico Paracoccidioides brasiliensis com diferentes graus de virulência, Descrição: Paracoccidioides brasiliensis, fungo dimórfico termo-dependente, é o agente etiológico da micose sistêmica prevalente na América Latina, a paracoccidioidomicose (PCM). A infecção pelo fungo ocorre por inalação de conídeos presentes no meio ambiente. Para o desenvolvimento da doença é imprescindível que os conídeos alojados nos alvéolos pulmonares passem para fase leveduriforme, sendo esse evento dependente do aumento de temperatura. O desenvolvimento da doença depende de fatores associados com a resposta imune do hospedeiro e as características do agente infeccioso, principalmente a virulência. Alguns componentes foram apontados como potenciais fatores implicados na virulência do P. brasiliensis e na interação parasita/hospedeiro. Entre eles se destacam, a alfa-1,3-glucana, uma serino proteinase tiol-dependente extracelular, a GADPH, o antígeno gp43 secretado que também tem propriedades de se ligar em componentes da matriz extracelular, a melanina de parede celular e a Hsp60. Além disso, nos 2 bancos de sequências expressas do fungo foram encontrados vários genes diferencialmente expressos na fase leveduriforme relacionados à virulência de outros fungos patogênicos. Apesar destas descrições, pouco se conhece sobre os fatores de virulência em P. brasiliensis. Dessa forma, este projeto propõe analisar e identificar diferenças no conteúdo protéico, através de análise proteômica, de P. brasiliensis em um isolado com distinto grau de virulência (Pb18 virulento e atenuado). Busca-se com esta estratégia caracterizar possíveis fatores envolvidos na virulência desse fungo, de forma a contribuir no entendimento da biologia deste micro-organismo bem como sua interação com o hospedeiro, possibilitando, dessa forma, a identificação de novos alvos terapêuticos ou mesmo biomarcadores de virulência nesta importante micose sistêmica.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Wagner Luiz Batista - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2011 - Atual

    Participação da proteína tirosina quinase Src e do óxido nítrico nas vias de sinalização celular estimuladas por estrógeno em linhagens de tumores humanos de mama, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Hugo Pequeno Monteiro em 31/01/2013., Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Wagner Luiz Batista - Integrante / Hugo Pequeno Monteiro - Coordenador., Financiador(es): (FAPESP) Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2011

    Avaliação das modificações pós-traducionais de proteínas em Paracoccidioides brasiliensis sob estresse nitrosativo e oxidativo, Descrição: Paracoccidioides brasiliensis, fungo dimórfico termo-dependente, é o agente etiológico da micose sistêmica mais comum na América Latina, paracoccidioidomicose (PCM). Esta micose representa um importante problema devido ao seu alto potencial incapacitante e a quantidade de mortes prematuras que provoca principalmente para segmentos sociais específicos. A infecção pelo P. brasiliensis ocorre por inalação de conídeos produzidos pelo fungo no meio ambiente. Para o desenvolvimento da doença é imprescindível que os conídeos alojados nos alvéolos pulmonares passem para fase leveduriforme, evento depende do aumento de temperatura. Este fungo age como patógeno intracelular facultativo capaz de sobreviver e replicar dentro de macrófagos não ativados. Esta habilidade de evadir a resposta imune inata do hospedeiro e assim causar doença é particularmente devido a sua capacidade para responder e sobreviver ao estresse nitrosativo e oxidativo causado pelas células do sistema imune, particularmente macrófagos alveolares. Dentre as moléculas que exercem ação fungicida no fagossomo estão o peróxido de hidrogênio (H2O2), óxido nítrico (NO) e seus derivados. Análise do transcriptoma de P. brasiliensis, internalizado por macrófagos murinos, mostrou que o patógeno expressa vários genes envolvidos na resposta ao estresse oxidativo e nitrosativo, demonstrando que o parasito tem mecanismos antioxidantes e de resposta ao estresse oxidativo. Entretanto, estudos de modificações pós-traducionais de proteínas, capazes de desencadear resposta de sobrevivência do fungo no hospedeiro, bem como as vias de sinalização e regulação transcricional de microorganismos, em resposta aos diferentes tipos de estresse ainda são escassos ou inexistentes. Dessa forma, este projeto propõe avaliar modificações pós-traducionais do tipo fosforilação e S-nitrosilação que ocorrem no fungo após estresse oxidativo e nitrosativo, bem como identificar as possíveis vias específicas de sinalização de sobrevivência do fungo. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (2) . , Integrantes: Wagner Luiz Batista - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2007 - 2009

    Estudos da compartimentalização celular da proteína G de baixo peso molecular Ras e da proteína antioxidante Tiorredoxina sob estímulo de fontes geradoras de óxido nítrico., Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Wagner Luiz Batista - Integrante / Fernando T Ogata - Integrante / Hugo Pequeno Monteiro - Coordenador.

  • 2007 - Atual

    Análise de estruturas vesiculares exportadas e de moléculas secretadas pelos fungos patogênicos Paracoccidioides brasiliensis e Cryptococcus neoformans? sublinha ?Análise de componentes da parede celular do P. brasiliensis?, Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Wagner Luiz Batista - Integrante / Rosana Puccia - Coordenador / Marcio rodrigues - Integrante / Leonardo Ninritcher - Integrante.

  • 2004 - 2006

    Análise de elementos de transcrição de genes de Paracoccidioides brasiliensis., Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Wagner Luiz Batista - Integrante / Rosana Puccia - Coordenador / Antonio Augusto Rocha - Integrante.

  • 2003 - 2005

    Estudo de genes diferencialmente expressos em Paracoccidioides brasiliensis, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Wagner Luiz Batista - Coordenador / Rosana Puccia - Integrante / Katia Candido Carvalho - Integrante.

  • 2002 - 2006

    Caracterização molecular de genes envolvidos no processo de patogenicidade/virulência no fungo patogênico humano Paracoccidioides brasiliensis, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Wagner Luiz Batista - Integrante / Regina C. de Oliveira - Integrante / Luiz R. Nunes - Integrante / Rosana Puccia - Integrante / Gustavo Henrique Goldman - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2001 - 2003

    Projeto genoma de Paracoccidioides brasiliensis (ESTs), Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Wagner Luiz Batista - Integrante / Rosana Puccia - Integrante / Luiz Rodolfo Travassos - Integrante / Gustavo Henrique Goldman - Coordenador.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Prêmios

2019

menção honrosa - Heterologous expression and purification of Secreted Aspartyl Protease (PbSap) of Paracoccidioides brasiliensis and evaluation of its gene expression, Simpósio em Microbiologia e Imunologia.

2017

Melhor Trabalho Científico - categoria Iniciação Científica, I Simpósio em Ciências Farmacêuticas - I SciFarma.

2015

Melhor Trabalho Científico - área Micologia, XXVIII Congresso Brasileiro de Microbiologia.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Universidade Federal de São Paulo, Departamento de Ciências Farmacêuticas. , Rua São Nicolau (Jd Pitangueiras), 210, Centro, 09913030 - Diadema, SP - Brasil, Telefone: (11) 40440500, Ramal: 3594, Fax: (11) 40436428, URL da Homepage:

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

2017 - Atual

Universidade Federal de São Paulo, Campus Diadema

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Chefe de Dep. de Ciências Farmacêuticas, Regime: Dedicação exclusiva.

2017 - Atual

Universidade Federal de São Paulo, Campus Diadema

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Associado, Regime: Dedicação exclusiva.

2014 - Atual

Universidade Federal de São Paulo, Campus Diadema

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: CIBio, Carga horária: 2

2009 - Atual

Universidade Federal de São Paulo, Campus Diadema

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Adjunto, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Outras informações:
Membro da Comissão do Curso de Farmácia e Bioquímica

2009 - Atual

Universidade Federal de São Paulo, Campus Diadema

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Adjunto, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Outras informações:
Presidente da Comissão de Estágios do curso de Farmácia e Bioquímica

2009 - Atual

Universidade Federal de São Paulo, Campus Diadema

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Porfessor Adjunto, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Outras informações:
Disciplina de Microbiologia Básica, cursos de Ciências Biológicas e Farmácia e Bioquímica Disciplina de Diagnóstico Laboratorial de Doenças Infecciosas e Parasitárias - curso de Farmácia e Bioquímica Microbiologia Geral - curso de Ciências Ambientais Microbiologia de Alimentos - Curso de Farmácia e Bioquímica

2008 - 2008

Universidade de São Paulo

Vínculo: Estagiário, Enquadramento Funcional: Atividade Profissional Supervisionada, Carga horária: 12

Outras informações:
Estágio no Laboratório de Hematologia do Instituto Central do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP

Atividades

  • 02/2008 - 08/2008

    Estágios , Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, .,Estágio realizado, no Laboratório de Hematologia do Instituto Central do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina.