Daniela Batista dos Santos

Possui graduação em Agronomia pela Universidade de Passo Fundo (2009), Mestra em Agronomia pela Universidade de Passo Fundo (2011), Doutora em Ciência do Solo pela Universidade Federal de Santa Maria (2016). Concluiu o Programa Especial de Graduação de Formação de Professores para a Educação Profissional na Universidade Federal de Santa Maria (2013). Professora do Ensino Básico Técnico e Tecnológico no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul (IFRS) - Campus Ibirubá.

Informações coletadas do Lattes em 24/06/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Ciência do Solo

2012 - 2016

Universidade Federal de Santa Maria
Título: Acúmulo de carbono no solo e potencial de aquecimento global influenciados pelo modo de aplicação de dejetos líquidos de suínos e inibidor de nitrificação
Celso Aita. Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Palavras-chave: Injeção de Dejetos; dicianodiamida; Semeadura Direta.Grande área: Ciências Agrárias

Mestrado em Agronomia

2010 - 2011

Universidade de Passo Fundo
Título: Sistema misto de produção (leite/grãos) em unidades de produção familiar em bacias hidrográficas de cabeceira,Ano de Obtenção: 2011
Edson Campanhola Bortoluzzi.Bolsista do(a): Universidade de Passo Fundo, UPF, Brasil.

Graduação em Programa Especial de Graduação de Formação de Professores Para A Educação P

2012 - 2013

Universidade Federal de Santa Maria
Título: Abordagem do uso de TICs no ensino Técnico Agropecuário do Colégio Politécnico da Universidade Federal de Santa Maria
Orientador: Ilse Albeeg

Graduação em Agronomia

2005 - 2009

Universidade de Passo Fundo
Orientador: Edson Campanhola Bortoluzzi
Bolsista do(a): Programa Universidade para todos, PROUNI, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2019 - 2019

Reciclagem orgânica e métodos de compostagem. (Carga horária: 4h). , Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, IFRS, Brasil.

2019 - 2019

Atualização avançada em fungicidas. (Carga horária: 8h). , Instituto Agris, AGRIS, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Bandeira representando o idioma Inglês

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

SANTOS, D. B. . 1º Encontro da Agricultura nos Campos de Cima da Serra e 1º Semana Acadêmica Interinstitucional da Agronomia. 2016. (Outro).

FLOSS, E. L. ; SANTOS, D. B. . XVII Reunião Da Comissão Brasileira de Pesquisa da Aveia. 2007. (Congresso).

FLOSS, E. L. ; SANTOS, D. B. . Agrotecnoleite. 2007. (Outro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

VIII Moepex - Mostra Ensino Pesquisa e Extensão.Colaboradora. 2019. (Outra).

XXXIV Congresso Brasileiro de Ciência do Solo. 2013. (Congresso).

VIII Reunião Sul-Brasileira de Ciência do Solo. 2010. (Congresso).

2 Edição do 4 Seminário de Difusão Tecnológica do Sistema CR-Campeiro 7. 2009. (Seminário).

II Seminário de Culturas de Inverno. 2009. (Seminário).

II Seminário de Culturas de Inverno. 2009. (Seminário).

IV Simpósio Nacional sobre o Uso da Água na Agricultura e I Seminário Regional sobre Usos Múltiplos de Água e Gestão Integrada de Recursos Hídricos. 2009. (Simpósio).

XIX Mostra de Iniciação Científia - Pesquisa, Inovação e Tecnologia.Mineralogia e propriedades associadas de solos formados a partir de material vulcânico em uma toposequência do Rio Grande do Sul. 2009. (Seminário).

XXVII Reunião Nacional de Pesquisa de Cevada. 2009. (Congresso).

Curso de tecnologia de produção de canola. 2008. (Oficina).

II Reunião da Comissão Brasileira de Pesquisa de Trigo e Triticale. 2008. (Congresso).

I Seminário das culturas de verão. 2008. (Seminário).

I Simpósio de desafios do melhoramento para o estress biótico e abiótico da batata e X Reunião técnica de pesquisa e extensão da cultura da batatada região sul. 2008. (Simpósio).

IV Mostra de Iniciação Científica.Avaliação da fertilidade do solo em sistemas de manejo do solo de 1993 a 2005. 2008. (Seminário).

VII Reunião Sul-Brasileira de Ciência de Solo. Dinâmica da cobertura de solo em cultivos de Lagenaria siceraria (Mol.) Standl. 2008. (Congresso).

XVI Curso de Atualização sobre estabelecimento e manejo de cereias de inverno de duplo propósito (forragem e grão) e pastegens de inverno na integração lavoura-pecuária. 2008. (Oficina).

XVIiI Mostra de Iniciação Científica.Ensaio Regional de Linhagens de Aveia-Branca, em Passo Fundo, 2007. 2008. (Seminário).

XVIII Mostra de Iniciação Científica.Evolução da cobertura de solo por cultivos de porongo (Lagenaria siceraria L.). 2008. (Seminário).

I Ciclo de Palestras da DAFAV-UPF. 2007. (Seminário).

XVII Reunião da Comissão Brasileira de Pesquisa da Aveia. 2007. (Congresso).

XIII Semana Acadêmica da Faculdade de Agronomia e Medicina Veterinária. 2005. (Seminário).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

Aluno: Felipe Cecconello

SANTOS, D. B.. Uso de diferentes recomendações de gesso agrícola, com e sem a aplicação de calcário, em um Nitossolo no município de Sertão/RS. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul.

Aluno: Iago Samuel Bohrz

SANTOS, D. B.. Viabilidade técnica e econômica do uso de bioativador em culturas agrícolas adubadas com diferentes doses de fósforo. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul.

Aluno: Júlia Decarli

SANTOS, D. B.. Calagem e gesso na produtividade e qualidade de sementes da cultura da soja. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul.

Aluno: Jamile Jandrey

SANTOS, D. B.. Efeito do tratamento de semente com fungicida na germinação de sementes de soja submetidas a diferentes fungos. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul.

Aluno: Murilo Rebelato

SANTOS, D. B.. }Interferência do fosfato monoamônico e coinoculação de Bradyrhizobium com Azospirilum na fixação biológica de nitrogênio na soja. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul.

Aluno: Carolina Henrich Dierings

SANTOS, D. B.. Atividade antifúngica de óleos essenciais no crescimento micelial de Fusarium graminearum. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul.

Aluno: Matias Henrique Locatelli Luft

SANTOS, D. B.. Defesa de Estágio Curricular Supervisionado do Curso Técnico em Agropecuária Integrado ao Ensino Médio. 2019 - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul.

Aluno: Lorenzo de Giacometti Peruzzo

SANTOS, D. B.. Defesa de Estágio Curricular Supervisionado do Curso Técnico em Agropecuária Integrado ao Ensino Médio. 2018 - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul.

Aluno: Paulo Afonso Cazanatto

SANTOS, D. B.. Trigo: diferentes formas de manejo de nitrogênio. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul.

Aluno: Luciano Rodrigo Monteiro

SANTOS, D. B.. Rendimento de trigo e teor de clorofila em razão de diferentes fontes de nitrogênio. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul.

Aluno: Joseane Rizzardo

SANTOS, D. B.. Atributos químicos, físicos e morfológicos de solos de uma toposequência do IFRS - Campus Sertão. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul.

Aluno: Suelen Matiasso Facchi

SANTOS, D. B.. A duração da dispersão física altera a análise granulométrica?. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul.

Aluno: Marlon Sergio Cantoni

SANTOS, D. B.. Residualde escarificação em um Nitossolo e seus efeitos em diferentes culturas. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul.

Aluno: Jéssica Giertyas

SANTOS, D. B.. Efeito das práticas de manejo do solo na cultura da aveia branca. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul.

Aluno: Marina Antonioli Trindade

SANTOS, D. B.. Eficiência do Ipê-Roxo Associado à micorrizas na fitorremediação de solo poluído com zinnco. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul.

Aluno: Mauricio dos Santos

SANTOS, D. B.. Análise do uso de microrganismos eficientes no tratamento de camas de equinos saturadas por compostagem. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Gestão Ambiental) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul.

Aluno: Vinícius Orlandi

SANTOS, D. B.. Defesa de Estágio Curricular Supervisionado do Curso Técnico em Agropecuária Inntegrado ao Ensino Médio. 2017 - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul.

Aluno: Igor Daniel Dirings Cesca

SANTOS, D. B.. Defesa de Estágio Curricular Supervisionado do Curso Técnico em Agropecuária Inntegrado ao Ensino Médio. 2017 - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul.

Aluno: Moisés Júnior Verzeletti

SANTOS, D. B.. Defesa de Estágio Curricular Supervisionado do Curso Técnico em Agropecuária Inntegrado ao Ensino Médio. 2017 - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul.

Aluno: Luan Carlos Zoculotto

SANTOS, D. B.. Defesa de Estágio Curricular Supervisionado do Curso Técnico em Agropecuária Inntegrado ao Ensino Médio. 2017 - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul.

Aluno: João Gabriel Argenta Orlandi

SANTOS, D. B.. Defesa de Estágio Curricular Supervisionado do Curso Técnico em Agropecuária Inntegrado ao Ensino Médio. 2017 - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul.

SANTOS, D. B.. Concurso Público do IFRS Edital 27/2015. 2016. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul.

SANTOS, D. B.. Edital 05 de 13 de novembro de 2015. 2016. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul.

SANTOS, D. B.. Edital 05 de 13 de novembro de 2015. 2016. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul.

SANTOS, D. B.. Avaliador ad hoc Edital0/017/PRODI-EditalUniversal de Pesquisa. 2017. Instituto Federal de Santa Catarina.

SANTOS, D. B.. Avaliador Projetos Edital IF Farroupilha 096/22017. 2017. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Farroupilha.

SANTOS, D. B.. Avaliação de trabalhos de extensão na II Mostra de Ensino, VII Mostra de Iniciação Científica, Tecnológica e de Inovação e VI Mostra de Extensão do IFRS - Campus Sertão. 2017. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul.

SANTOS, D. B.. Avaliador ad hoc da VII Mostra de Educação Profissional e Tecnológica (VII MEPT). 2017. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Farroupilha.

SANTOS, D. B.. Avaliador adhoc Edital 339/GR/UFFS/2017. 2017. Universidade Federal da Fronteira Sul.

SANTOS, D. B.. Avaliador de apresentação oral no 4° Seminário de Extensão. 2016. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Vanderlei Rodrigues da Silva

Bortoluzzi, E.C.;SILVA, V. R.; GATIBONI, L. C.. Sistema misto de produção (leite/grãos) em unidades de produção familiar de bacias hidrográficas de cabeceiras.. 2012. Dissertação (Mestrado em Agronomia) - Universidade de Passo Fundo.

Vanderlei Rodrigues da Silva

Bortoluzzi, E.C.;SILVA, V. R.; GATIBONI, L. C.. Sistema misto de produção (leite/grão) em unidades de produção familiar de bacias hidrográficas de cabeceira. 2011. Dissertação (Mestrado em Agronomia) - Universidade de Passo Fundo.

Eduardo Lorensi de Souza

AITA, C.;SOUZA, E. L.; MIOLLA, E.; GONZATTO, R.;GIACOMINI, S. J.. POTENCIAL DE AQUECIMENTO GLOBAL E ACÚMULO DE CARBONO NO SOLO AFETADO PELO MODO DE APLICAÇÃO DE DEJETOS SUÍNOS E PELO USO DE INIBIDOR DE NITRIFICAÇÃO. 2016. Tese (Doutorado em Ciência do Solo) - Universidade Federal de Santa Maria.

Eduardo Lorensi de Souza

AITA, C.;GIACOMINI, S. J.SOUZA, E. L.; AMADO, T. J. C.; BAYER, C.. Potencial de aquecimento global e variação nos estoques de carbono e nitrogênio no solo afetados pelo modo de aplicação de dejetos de suínos e pelo uso de inibidor de nitrificação. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Ciência do Solo) - Universidade Federal de Santa Maria.

Ezequiel Cesar Carvalho Miola

AITA, C.;MIOLA, E. C. C.; SOUZA, E. L.; GONZATTO, R.; GIACOMINI, S. J.. Potencial de aquecimento global e acúmulo de carbono no solo afetado pelo modo de aplicação de dejetos de suínos e pelo uso de inibidor de nitrificação. 2016. Tese (Doutorado em Ciência do Solo) - Universidade Federal de Santa Maria.

Edson Campanhola Bortoluzzi

BORTOLUZZI, E. C.; GATTIBONI, L. C.; Silva, V.R. da. Sistema misto de produção (leite/grão) em unidades de produção familiar de Bacias Hidrográficas de cabeceira. 2011. Dissertação (Mestrado em PPGAGRO) - Universidade de Passo Fundo.

SANDRO JOSÉ GIACOMINI

AITA, C.; BAYER, C.; SOUZA, E. L.;GIACOMINI, S. J.; AMADAO, T. J. C.. Potencial de aquecimento global e variação no estoque de carbono afetados pelo modo de aplicação de dejetos de suínos no solo e pelo uso de inibidor de nitrificação. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Ciência do Solo) - Universidade Federal de Santa Maria.

Rogério Gonzatto

AITA, C.; MIOLA, E. C. C.;GONZATTO, R.; GIACOMINI, S. J.. Potencial de aquecimento global e acúmulo de carbono no solo afetado pelo modo de aplicação de dejetos de suínos e pelo uso de inibidor de nitrificação. 2016. Tese (Doutorado em Ciência do Solo) - Universidade Federal de Santa Maria.

Celso Aita

AITA, C.; MIOLA, EZEQUIEL C. C.; SOUZA, E. L.;GONZATTO, R.GIACOMINI, S. J.. Potencial de aquecimento global e acúmulo de carbono no solo afetado pelo modo de aplicação de dejetos de suínos e pelo uso de inibidor de nitrificação. 2016. Tese (Doutorado em Ciência do Solo) - Universidade Federal de Santa Maria.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Orientou

Adelar Dilly

Avaliação de adjuvantes associados à fungicidas protetor no controle de ferrugem asiática da soja; 2019; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul; Orientador: Daniela Batista dos Santos;

Djeiksson Felipe P

Stringhini; Adubação nitrogenada suplementar na cultura da soja; 2018; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul; Orientador: Daniela Batista dos Santos;

Maurice Franciele Guedes

Estágio Curricular Supervisionado; 2019; Orientação de outra natureza; (Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul; Orientador: Daniela Batista dos Santos;

Murilo Rebelato

Estágio Curricular Supervisionado; 2019; Orientação de outra natureza; (Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul; Orientador: Daniela Batista dos Santos;

Luís Fernando Motta

Estágio Curricular Supervisionado; 2019; Orientação de outra natureza; (Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul; Orientador: Daniela Batista dos Santos;

Marco Antônio Barasul Girardi

Estágio Curricular Supervisionado; 2019; Orientação de outra natureza; (Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul; Orientador: Daniela Batista dos Santos;

Ígor Clamer

Estágio Curricular Supervisionado do Curso Técnico em Agropecuária Subsequente ao Ensino Médio; 2018; Orientação de outra natureza - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul; Orientador: Daniela Batista dos Santos;

Bruno Baseggio

Estágio Curricular Supervisionado do Curso Técnico em Agropecuária Subsequente ao Ensino Médio; 2018; Orientação de outra natureza - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul; Orientador: Daniela Batista dos Santos;

José Henrique Bernardes Marques

Estágio Curricular Supervisionado do Curso Técnico em Agropecuária Integrado ao Ensino Médio; 2018; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária Integrado ao Ensino Médio) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul; Orientador: Daniela Batista dos Santos;

Eliakin Frederico Rafain

Estágio curricular na empresa FMC - Nova Mutum/MS; 2017; Orientação de outra natureza; (Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul; Orientador: Daniela Batista dos Santos;

Marlon Sergio Cantoni

Estágio Curricular na Coperativa Triticola Sarandi LTDA - Cotrisal de Rondinha/RS; 2017; Orientação de outra natureza; (Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul; Orientador: Daniela Batista dos Santos;

Jéssica Giertyas

Estágio Curricular na Cooperativa Agropecuária Tradição - Coopertradição, Clevelândia/PR; 2017; Orientação de outra natureza; (Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul; Orientador: Daniela Batista dos Santos;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Andre Ricardo Magalhaes

O uso de Appets no ensino de Trigonometria; 2015; Dissertação (Mestrado em Gestão e Tecnologias Aplicadas a Educação) - Universidade do Estado da Bahia,; Orientador: André Ricardo Magalhães;

Edson Campanhola Bortoluzzi

Sistema misto de produção (leite/grãos) em unidades de produção familiar de Bacias Hidrográficas de cabeceira; 2011; Dissertação (Mestrado em PPGAGRO) - Universidade de Passo Fundo, Universidade de Passo Fundo; Orientador: Edson Campanhola Bortoluzzi;

Edson Campanhola Bortoluzzi

Mineralogia e propriedades associadas de solos formados a partir de material vulcânico em uma toposequência do Rio Grande do Sul; 2009; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade de Passo Fundo, Universidade de Passo Fundo; Orientador: Edson Campanhola Bortoluzzi;

Edson Campanhola Bortoluzzi

Dinâmica da cobertura de solo em cultivos de Lagenaria siceraria (Mol; ) Standl; 2008; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade de Passo Fundo; Orientador: Edson Campanhola Bortoluzzi;

Celso Aita

Potencial de aquecimento global e acúmulo de carbono no solo afetado pelo modo de aplicação de dejetos de suínos e pelo uso de inibidor de nitrificação; 2016; Tese (Doutorado em Ciência do Solo) - Universidade Federal de Santa Maria, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Celso Aita;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • AITA, CELSO ; CHANTIGNY, MARTIN H. ; GONZATTO, ROGÉRIO ; MIOLA, EZEQUIEL C.C. ; ROCHETTE, PHILIPPE ; PUJOL, STEFEN B. ; DOS SANTOS, DANIELA B. ; GIACOMINI, DIEGO A. ; GIACOMINI, SANDRO J. . Winter-Season Gaseous Nitrogen Emissions in Subtropical Climate: Impacts of Pig Slurry Injection and Nitrification Inhibitor. JOURNAL OF ENVIRONMENTAL QUALITY , v. 48, p. 1414, 2019.

  • AITA, CELSO ; GONZATTO, ROGÉRIO ; MIOLA, EZEQUIEL C. C. ; B, DANIELA ; SANTOS, DOS ; ROCHETTE, PHILIPPE ; ANGERS, DENIS A. ; CHANTIGNY, MARTIN H. ; PUJOL, STEFEN B. ; GIACOMINI, DIEGO A. ; GIACOMINI, SANDRO J. . Injection of Dicyandiamide-Treated Pig Slurry Reduced Ammonia Volatilization without Enhancing Soil Nitrous Oxide Emissions from No-Till Corn in Southern Brazil. Journal of Environmental Quality , v. 43, p. 789-800, 2014.

  • SANTOS, DANIELA BATISTA DOS ; PETRY, CLAUDIA ; BORTOLUZZI, EDSON CAMPANHOLA . Composição centesimal e perfil dos ácidos graxos de sementes de porongo. Ciência Rural (UFSM. Impresso) , v. 44, p. 31-36, 2014.

  • SANTOS, D. B. ; VANIN, J. ; SILVA, C. G. ; Bondan, C. ; Edson Campanhola Bortoluzzi . Qualidade do leite de propriedades familiares praticantes de integração lavoura-pecuária em função do uso do solo. Arquivo Brasileiro de Medicina Veterinária e Zootecnia , v. 65, p. 1217-1222, 2013.

  • SANTOS, D. B. ; Claudia Petry ; Edson Campanhola Bortoluzzi . Cobertura de solo e produção de porongo sob diferentes configurações de cultivo. Ciência Rural (UFSM. Impresso) , v. 40, p. 527-533, 2010.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2019 - Atual

    Sobressemeadura de espécies anuais em diferentes estádios fenológicos da soja, Descrição: A técnica de sobressemeadura consiste em estabelecer uma cultura enquanto a outra ainda não foi colhida e se constitui numa alternativa à sustentabilidade do sistema plantio direto por possibilitar a rotação de culturas, otimizar o uso do solo, favorecer estabelecimento mais rápido das culturas, permitir integração lavoura-pecuária e maximizar o aporte de fitomassa ao solo. No entanto, são escassas as informações acerca de espécies potenciais e em qual estádio fenológico da soja devem ser sobressemeadas, especialmente nas condições de clima subtropical e no sistema de produção praticado na região norte do RS. O objetivo do presente estudo é avaliar o comportamento de espécies anuais quanto ao seu estabelecimento e desenvolvimento, em sobressemeadura de soja em distintos estádios fenológicos. Para tal, a cultura da soja será semeada, e um experimento em blocos ao acaso, em esquema fatorial 4x5, com quatro repetições dispostas em arranjo experimental de parcelas subdivididas será implantado. As parcelas principais serão constituídas pelos estádios fenológicos da soja em que será realizada a sobressemeadura (R5, R6, R7 e R8, referentes ao início do enchimento de grão, grão cheio, início da maturação e maturação plena, respectivamente), enquanto que as subparcelas serão constituídas pelas espécies vegetais de cobertura: milheto (Pennisetum americanum), sorgo (Sorghum bicolor), capim sudão (Sorghum sudanense (Piper) e nabo (Raphanus sativus L.), mantida uma testemunha (sem nenhuma espécie sobressemeada). As sementes serão sobressemeadas a lanço, cujas quantidades serão quatro vezes superiores às quantidades recomendadas para a semeadura em linha e determinadas com base no valor cultural de cada espécie. Em laboratório, serão avaliadas as qualidades física e fisiológica das sementes das espécies a serem sobressemeadas e aos 14 dias após a sobressemeadura, em condição de campo, será realizada contagem do percentual de emergência das plântulas bem como a contagem e identificação de plantas daninhas presentes em área representativa de cada unidade experimental. Antes da colheita da soja será avaliada a altura das plantas de cobertura e, a cultura da soja será submetida à determinação das suas características agronômicas. Ao final do mês de maio, será determinada a produção de matéria seca proporcionado pelas espécies sobressemeadas. Os resultados serão submetidos à análise da variância pelo teste F (p<0,05) e quando as interações forem significativas será realizado o desmembramento dos efeitos de tratamento de um fator dentro de cada nível de outro fator. Para os tratamentos qualitativos será realizada a comparação de médias com o teste de Tukey (p<0,05). Ao término da pesquisa, espera-se indicar um estádio fenológico da cultura da soja na qual a sobressemeadura seja possibilitada. Ainda, deseja-se apontar uma (ou mais) espécies dentre as estudadas que apresentem bom estabelecimento e desenvolvimento, capacidade competitiva e de supressão de plantas daninhas e que não prejudique ou seja prejudicada pela colheita da cultura da soja. Os resultados que serão obtidos por essa pesquisa poderão ser extrapolados às lavouras da região e a técnica da sobressemeadura poderá ser mais difundida, mais bem fundamentada e contribuir para o sistema de plantio direto praticado em nível local e regional.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Daniela Batista dos Santos - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul - Bolsa.

  • 2019 - Atual

    Dispersão de argila em Latossolo após calagem, gessagem e manejos de solo, Descrição: Negligências na implantação e/ou condução do sistema plantio direto tem ocasionado estratificação das camadas do solo quanto aos atributos químicos, físicos e biológicos. A elevação do pH do solo em camadas superficiais do solo enquanto há presença de acidez em subsuperfície é uma constante. O elevado pH do solo e a neutralização do Al trocável em razão da calagem superficial tem ação dispersante sobre as partículas do solo, as quais podem eluviar e obstruir os poros do solo. A gessagem e a escarificação são técnicas alternativas à maior movimentação e incorporação do calcário no perfil do solo, respectivamente. Em razão da escassez de informações sobre o efeito de ambas as técnicas quando associadas ao calcário sobre a dispersão de argila em solo manejado sob sistema plantio direto, o presente trabalho é proposto. Em junho de 2015 instalou-se um experimento em delineamento experimental de blocos ao acaso com quatro repetições no esquema de parcelas subdivididas. As parcelas principais foram compostas pela aplicação de calcário combinada ou não à intervenção mecânica de solo: sem escarificação e sem calcário; escarificação sem calcário; escarificação, com calcário, 1 SMP - pH 6,0; sendo a recomendação de calcário baseada na amostra de 0-20 cm. Nas subparcelas foram alocadas as doses de gesso: 0; 2 e 4 Mg ha-1, cuja aplicação foi realizada após aplicação calcário e posterior à intervenção mecânica. Desde então, foram conduzidas as seguintes culturas: aveia-preta e soja, trigo e soja, trigo e soja, trigo e milho, aveia nos anos agrícolas de 2015/16, 2016/17, 2017/18, 2018/19 e 2019, respectivamente. Após 4 anos de aplicação dos tratamentos, serão realizadas coleta de amostra deformada de solo nas camadas representativas a 0 ? 0,05; 0,05 ? 0,10; 0,10 ? 0,15 e 0,15 ? 0,20 m, as quais, após secagem, moagem e peneiramento, serão determinados o pH em H2O; as análises granulométricas: argila dispersa em hidróxido de sódio (NaOH) e em água deionizada; e será calculado o grau de floculação (GF%) de acordo com a metodologia descrita em Embrapa (2017).. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Daniela Batista dos Santos - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2019 - Atual

    Monitoramento de urediniósporos de ferrugem asiática da soja no município de Ibirubá, Descrição: Esta pesquisa objetiva o monitoramento de esporos de ferrugem asiática capturado por meio de um coletor de esporo a ser instalado na área didática e experimental do IFRS Campus Ibirubá. A ferrugem asiática da soja tem como seu agente causal o fungo Phakopsora pachyrhizi Sydow e Sydow, sendo reconhecida comuma das doenças mais severas que incide na cultura da soja [Glycine max (L.) Merr.]. Os sintomas iniciais da doença são caracterizados por pequenas lesões foliares, de coloração castanha a marrom-escura, com a formação das estruturas de reprodução do fungo (urédias) na face adaxial, que se rompem liberando os urediniósporos (esporo assexual do fungo). Esses urediniósporos são disseminados pelo vento e pela chuva, podendo atingir distâncias intercontinentais, e se constituem como inóculo responsável pelas epidemias. Desse modo, monitorar a presença dos urediniósporos dispersos no ar é uma das estratégias para maximizar a eficiência do controle da doença. O coletor de esporo possui uma haste de ferro, para fixação no solo, com um tubo alongado e cilíndrico de PVC acoplado nessa haste. No interior do tubo há um suporte para instalação de uma lâmina de vidro na qual é colado um pedaço de fita adesiva dupla face onde os urediniósporos ficarão aderidos. Semanalmente, ocorrerá a troca das lâminas e o encaminhamento dessas para o Laboratório de Fitossanidade para visualização (por método de varredura) em microscópio ótico. Os resultados esperados são determinar a ausência/presença de esporos, número de esporo e data de detecção.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Daniela Batista dos Santos - Coordenador / Bruno Alcides Maldaner - Integrante / Adriana Riguer Della Méa - Integrante.

  • 2018 - 2019

    Levantamento de solos do Campus Sertão do IFRS, Descrição: A insuficiência de informações sobre os solos em um nível de detalhe adequado para a orientação das atividades agrícolas e de pesquisa tem contribuído para a má utilização dos recursos naturais. O principal objetivo deste trabalho é identificar, caracterizar e delinear a ocorrência dos diferentes solos na área de pesquisa do Campus Sertão do IFRS, com o intuito de subsidiar o planejamento das áreas agrícolas e de pesquisa do Campus. O mapeamento pedológico será executado em nível de reconhecimento de alta intensidade. Para completar a caracterização dos solos, serão realizadas descrição e coleta de perfis representativos dos componentes das unidades de mapeamento. A fase final dos trabalhos consiste em ajustes na classificação de campo e definição dos componentes da legenda final do mapa de solos, de acordo com o Sistema Brasileiro de Classificação de Solos.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Daniela Batista dos Santos - Integrante / Clovis Dalri Marcolin - Coordenador.

  • 2018 - 2019

    Avaliação da eficiência técnica e econômica da inoculação de Azospirillum brasilense na cultura do trigo, Descrição: O cultivo de grãos representa uma das mais importantes atividades da economia brasileira, dentre estes se pode destacar a soja, milho, arroz e o trigo. Este último, apesar de importante, vem perdendo espaço, em muito devido a instabilidade de clima e mercado encontrado pelos produtores. As bactérias fixadoras do gênero Azospirillum apresentam elevada capacidade de associação com diversas plantas, em especial as poáceas. Será avaliado a eficiência técnica e econômica de inoculantes contendo Azospirillum na cultura do trigo. O delineamento experimental será composto por oito tratamentos e 4 repetições, sendo: testemunha 0% N, testemunha 50% N, testemunha 100% N, Azospirillum 0% N, Azospirillum 25% N, Azospirillum 50% N, Azospirillum 75% N e Azospirillum 100% N. As parcelas terão três metros de largura por quatro metros de comprimento. O trigo será semeado na área experimental do Instituto Federal do Rio Grande do Sul, Campus Sertão, e adubado de acordo com a análise de solo interpretada conforme o manual de Calagem e Adubação para os estados do RS e SC. Os tratamentos serão avaliados de acordo com seu rendimento, PMS, peso hectolítrico, perfílios por planta, número de grãos por espiga, espigas por metro quadrado e eficiência econômica em comparação da inoculação de Azospirillum com a adubação química. Os dados serão submetidos a análise de variância e as médias comparadas pelo teste Tukey 5%.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Daniela Batista dos Santos - Integrante / Clovis Dalri Marcolin - Coordenador.

  • 2018 - 2019

    Análise do nível de pH em diferentes áreas na região Norte do Rio Grande do Sul, Descrição: A qualidade do solo é de suma importância para o desenvolvimento das culturas, desde a produção de hortaliças até a produção de pastagem para o gado. Conhecer a realidade de diferentes locais de produção agrícola, principalmente nas questões como histórico de cultivo e manejos adotados na área, culturas implantas no período de inverno e verão e o nível de pH em profundidade verificando se estes solos estão em condições adequados de cultivo. Inicialmente serão coletadas amostras de solo na profundidade de 0 a 20 em quatro camadas com o auxílio de uma pá de corte nas diferentes áreas do campus e em propriedades da região no período de inverno e verão. Após a coleta das amostras de solo as mesmas serão levadas ao laboratório para análise de pH será utilizado um aparelho denominado peagômetro. Após as coletas e análises no laboratório será realizado um estudo comparativo entre as diferentes propriedades e dentro da mesma unidade produtiva, com o intuito de se conhecer mais sobre a realidade dos solos de algumas cidades do Rio Grande do Sul.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Daniela Batista dos Santos - Integrante / Clovis Dalri Marcolin - Coordenador.

  • 2018 - 2019

    Efeito de diferentes operações de escarificação em solo sob plantio direto, Descrição: A produção de alimentos é um dos grandes desafios da humanidade, onde tecnologias cada vez mais modernas são adotadas para obter produção em quantidade e qualidade suficiente para suprir as necessidades da população. Os solos agrícolas funcionam como um sistema complexo que retém e transmite água, ar, nutrientes e calor às sementes e plantas, de maneira que é fundamental um ambiente físico favorável ao crescimento radicular. Neste contexto, os sistemas de uso e preparo do solo devem oferecer condições favoráveis ao desenvolvimento das culturas. A busca por alternativas tecnológicas que possibilitem o uso racional do solo tem sido tônica das discussões em torno do tema ?manejo correto para uma agricultura sustentável?. É de suma importância trabalhos que possibilitem uma caracterização destes solos para que se possa futuramente, definir estratégias corretas de uso e manejo para estas áreas, e assim determinar o possível efeito destas práticas na estrutura do solo e conseqüentemente para o desenvolvimento das plantas. A finalidade deste trabalho será caracterizar as propriedades físico-mecânicas de um Nitossolo de Sertão-RS em condição temporal, submetido a diferentes propostas de escarificação do solo.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Daniela Batista dos Santos - Integrante / Márcio Luis Vieira - Coordenador.

  • 2017 - 2018

    Potencial de espécies arbóreas da família Fabaceae na fitorremediação de solo poluído com cobre, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Daniela Batista dos Santos - Integrante / Jeonice Werle Techio - Coordenador., Financiador(es): Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Auxílio financeiro.

  • 2017 - 2018

    Construção de curvas de retenção de água e parametrização de propriedades físico-hídricas de substratos sob a ação da capilaridade, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Daniela Batista dos Santos - Integrante / Márcio Luis Vieira - Coordenador., Financiador(es): Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Auxílio financeiro.

  • 2017 - 2017

    A Educação Ambiental em uma Unidade de Conservação (UC) ? Conhecimento, informação e ações extensionistas sobre o Parque Natural Municipal de Sertão/RS, Descrição: Este projeto irá proporcionar o envolvimento direto dos acadêmicos com a unidade de conservação, para que os mesmos tenham um maior conhecimento e melhor interpretação ambiental dos elementos que constituem a natureza, e a importância de cada elemento para o ecossistema, como também serão discutidas a importância e necessidade da preservação da unidade de conservação para conservação da diversidade biológica.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Daniela Batista dos Santos - Integrante / Jeonice Werle Techio - Coordenador.

  • 2012 - 2016

    Criação da rede Dejsui para o desenvolvimento de tecnologias que visem reduzir o impacto ambiental dos dejetos de suínos no Rio Grande do Sul e Santa Catarina, Descrição: A suinocultura constitui-se na principal atividade econômica de muitas regiões dos estados de Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Apesar dos grandes avanços do ponto de vista nutricional e genético dos animais, o potencial poluidor do ambiente pelos dejetos produzidos constitui um dos principais limitadores da expansão sustentável dessa atividade. A busca de alternativas tecnológicas para minimizar esse potencial poluidor dos dejetos da suinocultura constitui um dos principais desafios aos atores envolvidos nessa atividade, sejam eles pesquisadores ou vinculados à assistência técnica. Embora existam pesquisas nessa área nos dois estados do Sul do Brasil, elas são feitas por pesquisadores e/ou grupos isoladamente. Para ampliar a capacidade de realização de trabalhos e avançar de forma mais rápida e segura na busca de soluções para o problema, é fundamental a ação articulada desses profissionais, de modo interdisciplinar e interinstitucional, realizando trabalhos conjuntos e baseados em interesses convergentes, trocando experiências, agregando esforços e complementando competências. Nesse sentido, vemos uma grande oportunidade nesse edital de criar uma rede de pesquisa para avaliar tecnologias relativas ao tratamento e uso dos dejetos líquidos de suínos que visem reduzir o potencial poluidor dos mesmos. Essa rede seria coordenada pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), através do prof. Dr. Celso Aita, e contaria com a participação da Universidade de Passo Fundo (UPF), da Universidade Feevale (FEEVALE) e da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) pelo lado do Rio Grande do Sul. Como parceiras do estado de Santa Catarina na rede, farão parte a Embrapa/Suínos e Aves de Concórdia e a Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC). Os trabalhos da rede serão focados na avaliação e proposição de estratégias de tratamento e de uso agrícola dos dejetos de suínos para reduzir o impacto ambiental dos mesmos. Como estratégias de tratamento serão avaliadas a compostagem automatizada e o uso de biofiltros e como estratégias de uso agrícola a injeção dos dejetos líquidos no solo e o uso de inibidor de nitrificação. Será dada ênfase à avaliação da eficiência dessas estratégias quanto à redução nas emissões de gases de efeito estufa (GEE) e de amônia, além da redução da transferência aos mananciais de N e microrganismos fecais, por escoamento e percolação. Para isso, estão programados diversos estudos de campo e laboratório em rede, buscando valorizar a complementaridade do ponto de vista de infra-estrutura das Instituições parceiras e também da qualificação dos integrantes da equipe. A articulação e gestão da rede serão feitas através de reuniões semestrais e também por via eletrônica. Ao final do projeto está prevista a realização de um Workshop na UFSM para divulgação dos resultados e fortalecimento da rede, com vistas a sua continuidade e expansão.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (7) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (5) . , Integrantes: Daniela Batista dos Santos - Integrante / Celso Aita - Coordenador.

  • 2010 - 2011

    Manejo sustentável de solo em Microbacia Hidrográfica com exploração leiteira na região da Produção, RS, Descrição: Toda exploração agropecuária pode ser melhorada nos âmbitos de produção e de impacto ambiental. Para isso é preciso conhecer as partes de um sistema produtivo e os fatores que refletem na qualidade da produção e do ambiente. No caso do setor Leiteiro, a qualidade de solo é frequentemente negligenciada, bem como o conhecimento de sua responsabilidade na produção de melhor qualidade e quantidade de forragem e na pressão de poluição da atividade. Pode-se, didaticamente, considerar como problemas em uma exploração agropecuária (i) a produção de sedimentos oriundos do processo de erosão muitas vezes acelerado pelo mau manejo de pastagens (ii) o transporte de elementos químicos, como fósforo e nitrogênio oriundos da sua aplicação como fertilizantes e estercos em pastagens ou como componente de rações (iii) a contaminação das águas superficiais com dejetos bovinos; e (iv) os efeitos negativos da produção animal sobre o solo quando este é utilizado como lavoura de produção de grãos em sistema integrado lavoura-pecuária. Em função do exposto o presente projeto visa produzir conhecimento em questões que envolvem o manejo adequado dos solos em sistema produtivo leiteiro, bem como avaliar a atividade no contexto da proteção ambiental.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Daniela Batista dos Santos - Integrante / BORTOLUZZI, E. C. - Coordenador / Carlos Bondan - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul - Auxílio financeiro.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, IFRS - Campus Ibirubá. , Rua Nelsi Ribas Fritsch, 1111, Esperança, 98200000 - Ibirubá, RS - Brasil, Telefone: (54) 33248100

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

2012 - 2015

Universidade Federal de Santa Maria

Vínculo: Bolsista Doutorado CAPES, Enquadramento Funcional: Bolsista

2012 - 2013

Universidade de Passo Fundo

Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professora Substituta, Carga horária: 6

2008 - 2009

Universidade de Passo Fundo

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista IC PIBIC/CNPq, Carga horária: 20

Outras informações:
Processo número: 103619/2008-9 Projeto: Mineralogia de solos formados a partir de material vulcânico em uma toposequência do rio Grande do Sul

2008 - 2008

Embrapa Trigo

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista IC/ CNPq, Carga horária: 20

Outras informações:
Processo número: 110363/2008-6 Projeto número: 500326/2007-0

2015 - Atual

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professora Ensino Básico, Técnico e Tecnogico, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

  • 04/2019

    Conselhos, Comissões e Consultoria, IFRS - Campus Ibirubá, .,Cargo ou função, Comissão de Avaliação e Gestão de Projetos de Pesquisa e Inovação.

  • 08/2017 - 02/2019

    Conselhos, Comissões e Consultoria, IFRS - Campus Sertão, .,Cargo ou função, Comissão Permanente Pessoal Docente.

  • 02/2017 - 02/2019

    Conselhos, Comissões e Consultoria, IFRS - Campus Sertão, .,Cargo ou função, Colegiado de Agronomia.

  • 02/2017 - 02/2019

    Conselhos, Comissões e Consultoria, IFRS - Campus Sertão, .,Cargo ou função, Membro.

  • 02/2017 - 02/2019

    Conselhos, Comissões e Consultoria, IFRS - Campus Sertão, .,Cargo ou função, Colegiado Licenciatura em Ciências Agrícolas.

  • 02/2017 - 02/2019

    Conselhos, Comissões e Consultoria, IFRS - Campus Sertão, .,Cargo ou função, Colegiado Professores Técnico em Agropecuária Integrado ao Ensino Médio.

  • 02/2017 - 02/2019

    Conselhos, Comissões e Consultoria, IFRS - Campus Sertão, .,Cargo ou função, Comissão de Gerenciamento de Ações de Extensão (CGAE).

  • 02/2016 - 12/2016

    Conselhos, Comissões e Consultoria, IFRS - Campus Vacaria, .,Cargo ou função, Comissão de Avaliação e Gestão de Projeto de Pesquisa e Inovação (CAGPPI).

  • 01/2016 - 12/2016

    Conselhos, Comissões e Consultoria, IFRS - Campus Vacaria, .,Cargo ou função, Colegiado de Agronomia.

  • 11/2015 - 12/2016

    Conselhos, Comissões e Consultoria, IFRS - Campus Vacaria, .,Cargo ou função, Conselho de Campus (ConCamp).

  • 11/2015 - 12/2016

    Conselhos, Comissões e Consultoria, IFRS - Campus Vacaria, .,Cargo ou função, Comissão de Ensino.

  • 09/2015 - 12/2016

    Direção e administração, IFRS - Campus Vacaria, .,Cargo ou função, Coordenadora da Coordenadoria de Extensão.

  • 09/2015 - 12/2016

    Conselhos, Comissões e Consultoria, IFRS - Campus Vacaria, .,Cargo ou função, Comissão de Gerenciamento de Ações de Extensão (CGAE).

  • 11/2015 - 12/2015

    Conselhos, Comissões e Consultoria, IFRS - Campus Vacaria, .,Cargo ou função, Comissão Processo Simplificado para Contratação de Professor Temporário e Substituto.