Taciana Furtado de Mendonça Belmont

Possui graduação em Ciências Biológicas (Bacharelado) pela Universidade de Pernambuco (2008), mestrado em Ciências da Saúde pela Universidade de Pernambuco (2012) e doutorado em Biotenologia em Saúde (Renorbio), desenvolvendo pesquisas no Laboratório de Biologia Molecular de Vírus (LBVM/ICB/UPE). É membro do grupo de pesquisa de Bioquímica de Macromoléculas da Universidade de Pernambuco. Tem experiência na área de Bioquimica, Imunologia e Biologia Molecular, atuando principalmente nos seguintes temas: polimorfismos (SNPs), Imunidade Inata, estresse oxidativo, PCR em tempo real, ELISA, Anemia Falciforme e doenças infecciosas. Participou do estudo clínico BIP-48 e Esketamina (Janssem), como coordenadora. Fui responsável pelo diagnóstico molecular da Hepatite C e pelo laboratório de diagnóstico/pesquisa do Instituto do Figado de Pernambuco (IFP/PE). Atualmente é bolsista PNPD/CAPES do Programa de Pós-graduação em Ciências da Saúde da Universidade de Pernambuco, além de Docente Permanente do Programa de Pós-graduação em Ciências da Saúde da Universidade de Pernambuco (ICB/FCM/UPE).

Informações coletadas do Lattes em 25/06/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em Renorbio

2012 - 2016

Universidade Federal Rural de Pernambuco
Título: Avaliação do papel da galectina-3 em eritrócitos, de pacientes com anemia falciforme (HbSS), submetidos a condições hipóxicas e sua possível aplicação em prognóstico e terapêutica
Maria do Socorro de Mendonça Cavalcanti. Coorientador: Aderson Araújo da Silva e Patrícia Moura. Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco, FACEPE, Brasil. Palavras-chave: Anemia Falciforme; galectina-3; Polimorfismo; hipóxia; Crise vaso-oclusiva.Grande área: Ciências da SaúdeGrande Área: Ciências Biológicas / Área: Bioquímica. Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Genética.

Mestrado em Ciencias da Saude

2010 - 2012

Universidade de Pernambuco
Título: Atividade enzimática da superóxido dismutase (SOD) e polimorfismo do gene SOD2 em crianças portadoras de anemia falciforme,Ano de Obtenção: 2012
Maria do Socorro de Mendonça Cavalcanti.Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco, FACEPE, Brasil. Palavras-chave: Anemia Falciforme; estresse oxidativo; sod2; PCR em tempo real; sequestro esplênico.Grande área: Ciências da SaúdeGrande Área: Ciências Biológicas / Área: Bioquímica.

Graduação em Bacharelado Ciências Biológicas

2004 - 2008

Universidade de Pernambuco
Título: Frequencia do Polimorfismo da Região Promotora -221 e do exon 1 do gene MBL2 e sua associação com crise vaso-oclusiva em pacientes portadores de anemia falciforme
Orientador: Maria do Socorro de Mendonça Cavalcanti

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Pós-doutorado

2016

Pós-Doutorado. , Faculade de Ciências Médicas/Instituto de Ciências Biológicas (FCM/ICB/UPE), FCM/ICB/UPE, Brasil. , Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. , Grande área: Ciências Biológicas, Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Imunologia. , Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Imunologia / Subárea: Imunogenética.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2016 - 2016

Primeiros Socorros. (Carga horária: 4h). , Faculade de Enfermagem Nossa Senhora das Graças - FENSG/UPE, FENSG/UPE, Brasil.

2012 - 2012

I Curso de Citometria de Fluxo. (Carga horária: 20h). , Universidade de Pernambuco, UPE, Brasil.

2009 - 2009

Marcadores Moleculares. (Carga horária: 4h). , Universidade Federal do Paraná, UFPR, Brasil.

2009 - 2009

Técnicas Moleculares Aplicadas a Pesquisa. (Carga horária: 4h). , Universidade Federal do Paraná, UFPR, Brasil.

2009 - 2009

II Curso de Inverno de Genética. (Carga horária: 40h). , Universidade Federal do Paraná, UFPR, Brasil.

2008 - 2008

LVI Curso de Extensão em Hematologia. (Carga horária: 100h). , Universidade Federal de Pernambuco, UFPE, Brasil.

2007 - 2007

Imunologia Clínica. (Carga horária: 60h). , FACULDADE FRASSINETE DO RECIFE, FAFIRE, Brasil.

2007 - 2007

Técnicas Moleculares no Diagnóstico de Doenças Hem. (Carga horária: 20h). , Fundação de Hematologia e Hemoterapia de Pernambuco, HEMOPE, Brasil.

2007 - 2007

Organização e Evoluçao dos genomas. (Carga horária: 3h). , Sociedade Brasileira de Genética, SBG, Brasil.

2006 - 2006

Genética Humana Básica. (Carga horária: 30h). , Universidade de Pernambuco, UPE, Brasil.

2006 - 2006

Genética Forense. (Carga horária: 3h). , Sociedade Brasileira de Genética, SBG, Brasil.

2004 - 2004

INTRODUÇÃO A CRONOBIOLOGIA. (Carga horária: 6h). , FACULDADE FRASSINETE DO RECIFE, FAFIRE, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Bandeira representando o idioma Inglês

Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Bem.

Bandeira representando o idioma Espanhol

Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.

Bandeira representando o idioma Português

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Genética.

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Bioquímica / Subárea: Biologia Molecular.

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Bioquímica.

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Imunologia.

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Biologia Geral / Subárea: Hematologia.

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Biologia Geral.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

VASCONCELOS, C. M. M. ; VASCONCELOS, L. R. S. ; MOURA, P. ; CASTOR, P. G. ; CARMO, R. F. ; MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M. . WIDEN - Workshop em Imunopatologia do Dengue. 2012. (Congresso).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

Congresso Brasileiro de Hepatologia. 2017. (Congresso).

I Simpósio Internacional de Mitocôndria e Metabolismo. 2012. (Simpósio).

WIDEN - Workshop em Imunopatologia do Dengue. 2012. (Outra).

53 Congresso Brasileiro de Genética. Polimorfismo no exon-1 do gene MBL2 em pacientes portadores de Anemia Falciforme com haplótipos do gene HBB*S. 2007. (Congresso).

XVII Encontro de Genética do Nordeste. 2006. (Encontro).

XXXV Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Bioquímica e Biologia Molecular - SBBq. Detection of lectin in hemolymph of the tarantula spider Lasiodora sp.. 2006. (Congresso).

I CONGRESSO REGIONAL DE MICROBIOLOGIA CLÍNICA. 2005. (Congresso).

TAXIDERMIA. 2004. (Oficina).

VIII JORNADA BIOLÓGICA DA FAFIRE. 2004. (Outra).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

Aluno: Clarissa Rocha da Cruz

MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M.; PEREIRA, L.M.M.B.; SILVA, M. R. A.. Perfil Clínico e Laboratorial de pacientes cirróticos com nódulo hepático aplicado no algoritmo LI-RADS. 2019. Dissertação (Mestrado em Pós-Graduação em Ciências da Saúde) - Faculade de Ciências Médicas/Instituto de Ciências Biológicas (FCM/ICB/UPE).

Aluno: Gabriela Azevedo Foinquinos

MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M.; PEREIRA, L. M. M. B.; STEFANO, J. T.. Análise da associação do polimorfismo e da expressão gênica do PNPLA3 e LGALS3 em pacientes com doença hepática gordurosa não alcólica (DHGNA). 2019. Dissertação (Mestrado em Pós-Graduação em Ciências da Saúde) - Faculade de Ciências Médicas/Instituto de Ciências Biológicas (FCM/ICB/UPE).

Aluno: Penelopy Rodrigues de Macêdo

MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M.; HATZLHOFER, BETÂNIA L.; COIMBRA, E. C.. AVALIAÇÃO DOS POLIMORFISMOS DE ÚNICO NUCLEOTÍDEO (SNPs) DOS GENES CLEC4M (rs868875) E ADAMTS13 (rs2073932) COM A GRAVIDADE DA FIBROSE HEPÁTICA E HEPATOCARCINOMA CELULAR (HCC) CAUSADOS PELO VÍRUS DA HEPATITE C (HCV). 2019. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em Biologia Celular e Molecular Aplicada) - Instituto de Ciências Biológicas - UPE.

Aluno: joão Victor Cordeiro Farias

MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M.CAVALCANTI, M. S. M.; COIMBRA, E. C.. Associação entre os polimorfismos do gene CD209 (rs4804803 e rs2287886) com o grau de Fibrose e Hepatocarcinoma Celular em Pacientes Infectados com o Virus da Hepatite C. 2018. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em Biologia Celular e Molecular Aplicada) - Instituto de Ciências Biológicas - UPE.

Aluno: Maria Mariana Barros Melo da Silveira

MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M.; MOREIRA, R. S. L.; SILVA, T. C. L. E.. Associação entre os polimorfismos dos genes CYP2C9 e VKORC1 e o controle da anticoagulação em pacientes com fibrilação atrial. 2018.

Aluno: Leiliandry de Araújo Melo

MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M.; SILVA, T. C. L. E.; SANCHES, L. M. P.. Expressão de MicroRNAs (133b e 138) em pacientes cardiomiopatia alcoolica. 2018. Dissertação (Mestrado em Pós-Graduação em Ciências da Saúde) - Faculade de Ciências Médicas/Instituto de Ciências Biológicas (FCM/ICB/UPE).

Aluno: VÍCTOR ARTHUR EULÁLIO BRASILEIRO

MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M.MOURA, P.; OLIVEIRA, D. C.. Influencia dos Polimorfismos dos genes PITX2, KCNN3, HCN4 e CAV1 em pacientes com Fibrilação Atrial. 2018. Dissertação (Mestrado em Pós-Graduação em Ciências da Saúde) - Faculade de Ciências Médicas/Instituto de Ciências Biológicas (FCM/ICB/UPE).

Aluno: JÉSSICA VITÓRIA GADELHA DE FREITAS BATISTA

MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M.ARAUJO, A. S.; GARCIA, P. S.. AVALIAÇÃO DO IMPACTO DE POLIMORFISMOS E DA EXPRESSÃO DO GENE KLOTHO NAS COMPLICAÇÕES DA ANEMIA FALCIFORME. 2017 - Universidade Federal de Pernambuco.

Aluno: Ana patrícia Bastos Ferreira

CAVALCANTI, M. S. M.; MONTARROYOS, U. R.;MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M.. ASSOCIAÇÃO DO POLIMORFISMO DO GENE MBL2 E DA MENOPAUSA COM FUNCIONALIDADE MOTORA E DOR EM MULHERES COM HTLV. 2017. Dissertação (Mestrado em Pós-Graduação em Ciências da Saúde) - Faculade de Ciências Médicas/Instituto de Ciências Biológicas (FCM/ICB/UPE).

Aluno: RODRIGO JOSÉ VIDERES CORDEIRO DE BRITO

MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M.; Vasconcelos, L.R.S.; ROCHA, S. W. N. S.. AVALIAÇÃO DA INFLUÊNCIA DA INTERLEUCINA-22(IL-22) E DA PROTEÍNA DE LIGAÇÃO À INTERLEUCINA-22 (IL-22 BP) NA PROGRESSÃO DA DOENÇA HEPÁTICA CRÔNICA CAUSADA PELO VÍRUS DA HEPATITE C (HCV). 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Doutorado em Ciências da Saude) - Faculade de Ciências Médicas/Instituto de Ciências Biológicas (FCM/ICB/UPE).

Aluno: Kamila de Melo Vilar

BEZERRA, M.A.C; DANTAS, A. T.;MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M.. Associação de Polimorfismo nos genes das galectinas com os niveis séricos e parâmetros clínicos das doenças auto-imune. 2017 - Universidade Federal de Pernambuco.

Aluno: Penelopy Rodrigues de Macêdo

SOUZA, P.;MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M.. ASSOCIAÇÃO ENTRE POLIMORFISMO DE ÚNICO NUCLEOTÍDEO (SNP) DO GENE CLEC4M (rs868875) RELACIONADO À VARIAÇÃO DO FATOR DE VON WILLEBRAND (VWF) NO PLAMSA COM A GRAVIDADE DA FIBROSE HEPÁTICA CAUSADA PELO VÍRUS DA HEPATITE C (HCV). 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós-graduação em Biologia Celular e Molecular Aplicada) - Instituto de Ciências Biológicas - UPE.

Aluno: Jessica Maria Florencio de Oliveira

Guimarães, R.L.;MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M.; GARCIA, P. S.. Avaliação da influencia de polimorfismos do gene THBS1 nas complicações clínicas da anemia falciforme. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós-Graduação em Genética) - Universidade Federal de Pernambuco.

Aluno: Victor Arthur Eulálio Brasilleiro

MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M.MOURA, P.; CASTILLO, J. M.. Estudo dos Fatores genéricos associados à Fibrilação Atrial. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Pós-Graduação em Ciências da Saúde) - Faculade de Ciências Médicas/Instituto de Ciências Biológicas (FCM/ICB/UPE).

Aluno: Leiliandry de Araújo Melo

MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M.; MARTINS, S. M.. Expressão de MicroRNAs (133b e 138) em pacientes com cardiomiopatia alcoolica. 2017 - Faculade de Ciências Médicas/Instituto de Ciências Biológicas (FCM/ICB/UPE).

Aluno: Karla Brito dos Santos

MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M.; MARTINS, S. M.. Rigidez Arterial em indivíduos soropositivos pelo HIV e submetidos á Terapia Renal Substutiva por hemodiálise. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Pós-Graduação em Ciências da Saúde) - Faculade de Ciências Médicas/Instituto de Ciências Biológicas (FCM/ICB/UPE).

Aluno: Ana Claudia Oliveira Moraes

MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M.; MARTINS, S. M.. Avaliação do escore D-MELD como preditor de sobrevida no pós-transplante de figado. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Pós-Graduação em Ciências da Saúde) - Faculade de Ciências Médicas/Instituto de Ciências Biológicas (FCM/ICB/UPE).

Aluno: Gabriela Azevedo Foinquinhos

MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M.; CASTANHA, P. M. S.; SIQUEIRA, E.R.. Avaliação do gene PNPLA3 e GAL em pacientes com esteato-hepatite não alcoolica. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Pós-Graduação em Ciências da Saúde) - Faculade de Ciências Médicas/Instituto de Ciências Biológicas (FCM/ICB/UPE).

Aluno: Clarissa Rocha da Cruz

MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M.MOURA, P.; AROUCHA, D.C.. Perfil Clinico e Laboratorial dos pacientes cirróticos com nódulo hepático aplicado ao algoritmo LI-RADS. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Pós-Graduação em Ciências da Saúde) - Faculade de Ciências Médicas/Instituto de Ciências Biológicas (FCM/ICB/UPE).

Aluno: Eudes Gustavo Constantino Cunha

MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M.; MARIZ, H. A.; CASTRO, M. C. A. B.. Associação de Polimorfismos, níveis séricos e parâmetros clínico-laboratoriais da galectina-3 em pacientes com esclerose sistêmica. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós-graduação em Inovação Terapêutica) - Universidade Federal de Pernambuco.

Aluno: Fábio Mesquita Moura

MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M.MOURA, P.; SIQUEIRA, E. R. F.. Análise do Polimorfismo e Expressão Gênica da Pentraxina 3 em pacientes com Carcinoma Hepatocelular. 2017.

Aluno: Maria Mariana Barros Melo da Silva

PEDROA, R. P.; MORAES, R. S. L.;MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M.. ASSOCIAÇÃO ENTRE POLIMORFISMOS DOS GENES CYP2C9 E VKORC1 E CONTROLE DA ANTICOAGULAÇÃO EM PACIENTES COM FIBRILAÇÃO ATRIAL. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Pós-Graduação em Ciências da Saúde) - Faculade de Ciências Médicas/Instituto de Ciências Biológicas (FCM/ICB/UPE).

Aluno: Daniel Thales Monteiro de Araújo

MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M.; BARROS, I. M. L.; REIS, C. R. S.. ANÁLISE COMPARATIVA ENTRE A DEFORMAÇÃO DO ÁTRIO ESQUERDO (STRAIN) EM PACIENTES CHAGÁSICOS COM AS FORMAS CARDÍACAS E INDETERMINADA. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Pós-Graduação em Ciências da Saúde) - Faculade de Ciências Médicas/Instituto de Ciências Biológicas (FCM/ICB/UPE).

Aluno: Leiliandry de Araújo Melo

MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M.; PEDROA, R. P.; CARVALHO, B. M.. POLIMORFISMOS EM GENES DO ESTRESSE OXIDATIVO (MPO E CAT) EM PACIENTES COM CARDIOMIOPATIA ALCCOLICA. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Pós-Graduação em Ciências da Saúde) - Faculade de Ciências Médicas/Instituto de Ciências Biológicas (FCM/ICB/UPE).

Aluno: TARCYA LEIANE GUERRA DE COUTO

SOBRAL FILHO, D. C.;MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M.; SILVA, T. C. L. E.. Apnéia Obstrutiva do Sono na Doenca Renal Cronica: Associação com hipertensão arterial. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Pós-Graduação em Ciências da Saúde) - Faculade de Ciências Médicas/Instituto de Ciências Biológicas (FCM/ICB/UPE).

Aluno: Karla Brito dos Santos

MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M.; XIMENES, R. A. A.; ALBUQUERQUE, P. M.. FATORES DE RISCO CARDIOVASCULAR EM PACIENTES SOROPOSITIVOS PARA HIV SUBMETIDOS A HEMODIALISE: UM ESTUDO CASO-CONTROLE. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Pós-Graduação em Ciências da Saúde) - Faculade de Ciências Médicas/Instituto de Ciências Biológicas (FCM/ICB/UPE).

Aluno: Ana Claudia Oliveira de Moraes

MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M.; MELO, P. S. V.; MONTARROYOS, U. R.. ESCORE D-MELD COMO PREDITOR DE SOBREVIDA NO PÓS-TRANSPLANTE DE FÍGADO. 2016.

Aluno: Taciane de França Carvalho da Silva

MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M.MOURA, P.VASCONCELOS, L. R. S.. Polimorfismo do gene da Lectina Ligadora de Manose (MBL2) na infecção por Mycobaterium leprae. 2013. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Biologia Molecular) - Instituto de Ciências Biológicas.

Aluno: MALUZIANA OLIVEIRA DA SILVA

MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M.; SILVA, B. S.; BARRETO, S. B.;MOURA, P.. ALIMENTAÇÃO E MICROBIOTA INTESTINAL: ORIGEM DA OBESIDADE. 2013. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em ESPECIALIZAÇÃO NO ENSINO DE BIOLOGIA) - Universidade de Pernambuco.

Aluno: MARTA JOANA DE FRANÇA BISSARIA

MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M.; SILVA, B. S.; BARRETO, S. B.;MOURA, P.. ELABORAÇÃO DE JOGO SOBRE DENGUE: APRENDIZAGEM DINÂMICA. 2013. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em ESPECIALIZAÇÃO NO ENSINO DE BIOLOGIA) - Universidade de Pernambuco.

Aluno: Penelopy Rodrigues de Macêdo

MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M.; AROUCHA, D. C. B. L.. Fatores Clínicos-Laboratoriais associados a progressão da doença Hepática em pacientes portadores da Hepatite C. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Bacharelado em Ciências Biológicas) - Instituto de Ciências Biológicas - UPE.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Antônio Roberto Lucena de Araújo

Lucena-Araujo AR; Bezerra MA; LOUREIRO, P.; CAVALCANTI, M. S.; PORTO, A. L. F.. Influência do polimorfismo do gene GALS3 e níveis das galectinas -3, -7, -9 em pacientes com anemia falciforme e sua possível aplicação em prognósticos. 2016. Tese (Doutorado em Programa de Pós-graduação em Biotecnologia) - Universidade de Pernambuco.

Ana Lucia Figueiredo Porto

Porto, Ana L. F.; BEZERRA, M. A. C.; PEREIRA, M. C.. Infuencia do polimorfismo do gene GALS3 e níveis sérios de gelatinas -3,-7,-9 em pacientes com anemia falciforme e sua possível aplicação no prognóstico e terapêutica. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em BIOTECNOLOGIA-RENORBIO) - Universidade Federal Rural de Pernambuco.

Michelly Cristiny Pereira

PEREIRA, MICHELLY CRISTINY; Bezerra MAC; PORTO, A. L. F.. Influência do polimorfismo do gene GALS3 e niveis séricos de galectinas -3,-7,-9 em pacientes com anemia falciforme e sua possivel em prognóstico. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós Graduação em Biotecnologia - Renorbio) - Universidade Federal Rural de Pernambuco.

Maria do Socorro de Mendonça Cavalcanti

LUCENA-ARAUJO, A. R.;BEZERRA, M. A. C.; Loureiro, P.; PORTO, A. L. F.;M. S. M. CAVALCANTI. Influência do polimorfismo do gene GALS3 e níveis das galectinas-3,-7,-9 em pacientes com anemia falciforme e sua possível aplicação em prognósticos. 2016. Tese (Doutorado em Biotecnologia - RENORBIO) - Universidade Estadual do Ceará.

Marcos André Cavalcanti Bezerra

CAVALCANTI, M. S. M.; PORTO, A. L. F.;BEZERRA, M. A. C.; LUCENA-ARAUJO, A. R.; LOUREIRO, P.. "Influência do polimorfismo do gene GALS3 e níveis séricos de galectinas -3, -7, -9 em pacientes com anemia falciforme e sua possível aplicação em prognósticos",. 2016. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Biotecnologia) - Rede Nordeste de Biotecnologia.

Marcos André Cavalcanti Bezerra

PORTO, A. L. F.;BEZERRA, M. A. C.; PEREIRA, M. C.. "Influência do polimorfismo do gene GALS3 e níveis séricos de galectinas -3, -7, -9 em pacientes com anemia falciforme e sua possível aplicação em prognóstico e terapêutica". 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós-Graduação em Biotecnologia) - Rede Nordeste de Biotecnologia.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Orientou

ALINE VIEIRA DA SILVA

Polimorfismos da metaloproneinase da matriz-1 (MMP-1) e do fator de Proliferação Peroximal Ativado por Receptor Gama (PPAR-) e sua associação com lipodistrofia em pacientes soropositivos para HIV em terapia antirretroviral no estado de Pernambuco - Um Estudo Transversal De Caráter Analítico; Início: 2018; Dissertação (Mestrado profissional em Pós-Graduação em Ciências da Saúde) - Faculade de Ciências Médicas/Instituto de Ciências Biológicas (FCM/ICB/UPE), Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco; (Coorientador);

Ana Karla da Silva Freire

Avaliação da associação entre os polimorfismos do gene VDR (Taq1 e Fok1) e níveis séricos da vitamina D com crise vaso-oclusiva em crianças com anemia falciforme; ; Início: 2018; Dissertação (Mestrado profissional em Pós-Graduação em Ciências da Saúde) - Faculade de Ciências Médicas/Instituto de Ciências Biológicas (FCM/ICB/UPE); (Orientador);

Thaís Clementino Lustosa

Caracterização fenotípica e de marcadores de Risco Cardiovascular em Pacientes com Síndrome de Sobreposição (DPOC e Apneia do Sono); Início: 2017; Tese (Doutorado em Doutorado em Ciências da Saude) - Faculade de Ciências Médicas/Instituto de Ciências Biológicas (FCM/ICB/UPE), Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco; (Coorientador);

Andreia Soares da Silva

Associação entre diferentes polimorfismos e lipodistrofia em pacientes soropositivos para HIV em terapia antirretroviral no estado de Pernambuco ? Um estudo transversal de caráter analítico; Início: 2016; Tese (Doutorado em Doutorado em Ciências da Saude) - Faculade de Ciências Médicas/Instituto de Ciências Biológicas (FCM/ICB/UPE), Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco; (Coorientador);

Roberta dos Santos Souza

ANÁLISE DOS NÍVEIS DE EXPRESSÃO DO GENE LGALS7 E SUA INFLUENCIA NO DESENVOLVIMENTO DE ÚLCERA DE MEMBROS INFERIORES EM PACIENTES COM ANEMIA FALCIFORME; Início: 2018; Iniciação científica (Graduando em Bacharelado em Ciências Biológicas) - Instituto de Ciências Biológicas - UPE, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; (Orientador);

Kleyton Palmeira do Ó

Avaliação da associação dos níveis séricos e do polimorfismo gênico das regiões +191 e +292 da galectina-3 com úlcera de membros inferiores em pacientes com anemia falciforme; ; 2018; Dissertação (Mestrado em Ciencias da Saude) - Universidade de Pernambuco, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Coorientador: Taciana Furtado de Mendonça Belmont;

Isabela Cristina Cordeiro Farias

Avaliação dos Níveis Séricos e do Polimorfismo Gênico da Serino Protease Associada à MBL (MASP-2) com Úlcera de Membros Inferiores em Pacientes Com Anemia Falciforme; 2018; Dissertação (Mestrado em Ciencias da Saude) - Universidade de Pernambuco, Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco; Coorientador: Taciana Furtado de Mendonça Belmont;

ALINE VIEIRA DA SILVA

Polimorfismos da metaloproneinase da matriz-1 (MMP-1) e do fator de Proliferação Peroximal Ativado por Receptor Gama (PPAR-) e sua associação com lipodistrofia em pacientes soropositivos para HIV em terapia antirretroviral no estado de Pernambuco - Um Estudo Transversal De Caráter Analítico; 2018; Dissertação (Mestrado em Pós-Graduação em Ciências da Saúde) - Faculade de Ciências Médicas/Instituto de Ciências Biológicas (FCM/ICB/UPE), Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco; Coorientador: Taciana Furtado de Mendonça Belmont;

Marcus Tulio Batista Wanderley

INFLUÊNCIA DE POLIMORFISMOS E DA EXPRESSÃO DOS GENES PNPLA3(rs738409) E APOC3 (rs2854116 e rs2854117) NO DESENVOLVIMENTO DE ESTEATOSE HEPATICA EM PACIENTES INFECTADOS COMHEPATITE C; 2016; Dissertação (Mestrado em Biociências e Biotecnologia em Saúde) - Centro de pesquisa Aggeu Magalhães, Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco; Coorientador: Taciana Furtado de Mendonça Belmont;

Kleyton Palmeira do Ó

AVALIAÇÃO DOS NÍVEIS SÉRICOS E DO POLIMORFISMO GÊNICO DAS REGIÕES +191 E +292 DA GALECTINA-3 COM CRISES VASO-OCLUSIVAS EM CRIANÇAS COM ANEMIA FALCIFORME; ; 2015; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Bach; Ciências Biológicas) - Universidade de Pernambuco, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Taciana Furtado de Mendonça Belmont;

Nara Barbosa Araújo

ASSOCIAÇÃO DOS GENÓTIPOS E FENÓTIPOS DUFFY COM AS MANIFESTAÇÕES CLÍNICAS NA ANEMIA FALCIFORME; 2012; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Biomedicina) - Universidade Federal de Pernambuco; Orientador: Taciana Furtado de Mendonça Belmont;

Lisandra Lessa Maximo

Avaliação da associação dos polimorfismos do gene IL-10 com úlcera de membros inferiores em pacientes com anemia falciforme; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Bacharelado Ciências Biológicas) - Universidade de Pernambuco; Orientador: Taciana Furtado de Mendonça Belmont;

Luana Tais Bezerra Silva

ASSOCIAÇÃO DOS POLIMORFISMOS DO GENE LGALS3 COM ÚLCERA DE MEMBROS INFERIORES EM PACIENTES COM ANEMIA FALCIFORME; 2017; Iniciação Científica - Faculade de Ciências Médicas/Instituto de Ciências Biológicas (FCM/ICB/UPE), PFA/UPE; Orientador: Taciana Furtado de Mendonça Belmont;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Maria do Socorro de Mendonça Cavalcanti

Início: 2016; UNIVERSIDDE DE PERNAMBUCO;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • SOARES, A.S. ; CARVALHO, T. L. ; DO O, K. P. ; NOBREGA, D. N. ; SOUZA, R. S. ; LIMA, V. ; Farias, I.C.C ; MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M. ; CAVALCANTI, M. S. M. ; MIRANDA FILHO, D. B. . Association of the polymorphisms of the genes APOC3 (rs2854116), ESR2 (rs3020450), HFE (rs1799945), MMP1 (rs1799750) and PPARG (rs1801282) with lipodystrophy in people living with HIV on antiretroviral therapy: A systematic review.. MOLECULAR BIOLOGY REPORTS , v. 1, p. 1, 2020.

  • FREIRE, ANA KARLA DA SILVA ; BELMONT, TACIANA FURTADO DE MENDONÇA ; Ó, KLEYTON PALMEIRA DO ; SILVA, ANDREIA SOARES DA ; FARIAS, ISABELA CRISTINA CORDEIRO ; CARVALHO, MARIA DE FÁTIMA ALVES AGUIAR ; SANTIAGO, EDGO JACKSON PINTO ; CAVALCANTI, MARIA DO SOCORRO DE MENDONÇA . Assistência de enfermagem no manejo da dor em crianças com anemia falciforme: uma revisão integrativa. Research, Society and Development , v. 9, p. 182953353, 2020.

  • DOMINGOS, I. F. ; MARTINS, D. ; BORGES-MEDEIROS, R. L. ; FALCAO, D. A. ; HATZLHOFER, BETÂNIA L. ; N.BREWIN, J. ; GARDNER, K. ; MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M. ; CAVALCANTI, M. S. M. ; F.CUNHA, A. ; ANJOS, ANA C. ; S.RODRIGUES, E. ; KASHIMA, S. ; CRUZ, P. R. ; MELO, M.B. ; MENZELB, S. ; COSTA, F. F. ; BEZERRA, M.A.C ; LUCENA-ARAUJO, A. R. . Evaluation of oxidative stress-related genetic variants for predicting stroke in patients with sickle cell anemia. JOURNAL OF THE NEUROLOGICAL SCIENCES , v. 1, p. 1, 2020.

  • FREIRE, ANA KARLA DA SILVA ; MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M. ; DO O, K. P. ; SOARES, A.S. ; Farias, I.C.C ; Fatima M ; CAVALCANTI, MARIA DO SOCORRO M. ; MEDEIROS, Z. M. ; VASCONCELOS, L. R. S. . Cuidados paliativos em pessoas com Carcinoma hepatocelular: uma revisão integrativa. RESEARCH, SOCIETY AND DEVELOPMENT , v. 1, p. 1, 2020.

  • FARIAS, ISABELA CRISTINA CORDEIRO ; MENDONÇA-BELMONT, TACIANA FURTADO ; MOURA, PATRÍCIA MUNIZ MENDES FREIRE ; DOMINGOS, IGOR FARIAS ; FALCÃO, DIEGO ARRUDA ; ARCANJO, GABRIELA SILVA ; HATZLHOFER, BETÂNIA LUCENA DOMINGUES ; Ó, KLEYTON PALMEIRA DO ; FARIAS, JOÃO VICTOR CORDEIRO ; SILVA, ANDREIA SOARES DA ; VASCONCELOS, LUYDSON RICHARDSON SILVA ; ARAÚJO, ADERSON DA SILVA ; ANJOS, ANA CLÁUDIA MENDONÇA DOS ; LUCENA-ARAÚJO, ANTÔNIO ROBERTO ; CAVALCANTI, MARIA DO SOCORRO DE MENDONÇA ; BEZERRA, MARCOS ANDRÉ CAVALCANTI . MBL2 gene polymorphisms are not related to the occurrence of cerebrovascular disease in sickle cell anemia. RESEARCH, SOCIETY AND DEVELOPMENT , v. 9, p. 439974240, 2020.

  • Farias, I.C.C ; MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M. ; SOARES, A.S. ; DO O, K. P. ; FERREIRA, F. R. B. ; MEDEIROS, F.S. ; VASCONCELOS, L. R. S. ; MELO, M. J. B. ; BEZERRA, M.A.C ; ARAUJO, A. S. ; MOURA, P. ; HATZLHOFER, BETÂNIA L. ; ANJOS, A. C. M. ; CAVALCANTI, M. S. M. . Association of the SOD2 polymorphism (Val6Ala) and SOD activity with vaso-occlusive crisis and acute splenic sequestration in children with sickle cell anemia. MEDITERRANEAN JOURNAL OF HEMATOLOGY AND INFECTIOUS DISEASES , v. 10, p. 2018012, 2018.

  • SANTOS, L. O. ; BISPO, A. V. S. ; BARROS, J. V. ; LARANJEIRA, R.S.M. ; SILVA, J. A. ; DUARTE, A. R. ; ARAUJO, J. ; SANDRIN-GARCIA, P. ; CROVELLA, S. ; BEZERRA, M.A.C ; MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M. ; CAVALCANTI, M. S. M. ; SANTOS, N. . CTLA-4 gene polymorphisms are associated with obesity in Turner Syndrome. GENETICS AND MOLECULAR BIOLOGY , v. 1, p. 1, 2018.

  • SOARES, A.S. ; MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M. ; MENEZES, K. R. ; ARAUJO, F. M. R. ; LACERDA, C. M. ; CAVALCANTI, M. S. M. . Associação entre o uso de hemocomponentes e a mortalidade em pacientes submetidos ao transplante hepático no Hospital Universitário Oswaldo Cruz. GED. GASTROENTEROLOGIA E ENDOSCOPIA DIGESTIVA , v. 36, p. 122-127, 2017.

  • MEDEIROS, F.S. ; MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M. ; LOPES, K. A. M. ; FRANCA, L. M. C. ; SOARES, A.S. ; Vasconcelos, L.R.S. ; OLIVEIRA, M.C.V.C. ; ANJOS, A. C. M. ; HATZLHOFER, BETÂNIA L. ; BEZERRA, M.A.C ; MOURA, P. ; CAVALCANTI, M. S. M. . Association of combined genotypes of MBL2 gene related to low MBL levels with vasooclusive events in children with sickle cell anemia. GENETICS AND MOLECULAR BIOLOGY , v. 1, p. 1, 2017.

  • DOMINGOS, IGOR F. ; PEREIRA-MARTINS, DIEGO A. ; COELHO-SILVA, JUAN L. ; BORGES-MEDEIROS, RAYSSA L. ; FALCÃO, DIEGO A. ; AZEVEDO, RENATA C. ; ANJOS, ANA C. ; COSTA, FERNANDO F. ; MENDONÇA, TACIANA F. ; CAVALCANTI, MARIA S. ; ARAUJO, ADERSON S. ; LUCENA-ARAUJO, ANTONIO R. ; BEZERRA, MARCOS A. . Interleukin-6 G-174C polymorphism predicts higher risk of stroke in sickle cell anaemia. BRITISH JOURNAL OF HAEMATOLOGY , v. 1', p. 1, 2017.

  • AROUCHA, D.C. ; CARMO, R.F. ; VASCONCELOS, L. R. S. ; LIMA, R.E. ; MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M. ; ARNEZ, L.E.A. ; Cavalcanti, M.S.M. ; MUNIZ, M.T.C. ; AROUCHA, M.L. ; SIQUEIRA, E.R. ; PEREIRA, L.B. ; MOURA, P. ; PEREIRA, L.M.M.B. ; COÊLHO, M.R. . TNF- and IL-10 polymorphisms increase the risk to hepatocellular carcinoma in HCV infected individuals. Journal of Medical Virology (Print) , v. inpres, p. n/a-n/a, 2016.

  • MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M. ; DO O, K. P. ; SOARES, A.S. ; VILAR, K. M. ; MEDEIROS, F.S. ; VASCONCELOS, L. R. S. ; ANJOS, A. C. M. ; HATZLHOFER, BETÂNIA L. ; PITTA, M. G. R. ; BEZERRA, M.A.C ; ARAUJO, A. S. ; MOURA, P. ; REGO, M. J. B. M. ; CAVALCANTI, M. S. M. . Single Nucleotide Polymorphisms at +191 and +292 of Galectin-3 Gene (LGALS3) Related to Lower GAL-3 Serum Levels Are Associated with Frequent Respiratory Tract Infection and Vaso-Occlusive Crisis in Children with Sickle Cell Anemia. Plos One , v. 11, p. e0162297, 2016.

  • MAIA, J. ; SOARES, A.S. ; CARMO, R. F. ; MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M. ; GRIZ, L. ; MOURA, P. ; BANDEIRA, F. . The association between vitamin D receptor gene polymorphisms ( TaqI and FokI ), Type 2 diabetes, and micro-/macrovascular complications in postmenopausal women. The Application of Clinical Genetics , v. Volume 9, p. 131-136, 2016.

  • ARAUJO, NARA B. ; DOMINGOS, IGOR F. ; MEDEIROS, FERNANDA S. ; HATZLHOFER, BETÂNIA L. ; MENDONÇA, TACIANA F. ; VASCONCELOS, LUYDSON R. ; CAVALCANTI, MARIA DO SOCORRO M. ; ARAUJO, ADERSON S. ; OLIVEIRA, MARIA DO CARMO V. ; LUCENA-ARAUJO, ANTONIO R. ; BEZERRA, MARCOS A. . Lack of association between the Duffy antigen receptor for chemokines (DARC) expression and clinical outcome of children with sickle cell anemia. Immunology Letters , v. 166, p. 140-141, 2015.

  • DO CARMO, RODRIGO FELICIANO ; VASCONCELOS, LUYDSON RICHARDSON SILVA ; MENDONÇA, TACIANA FURTADO ; DE MENDONÇA CAVALCANTI, MARIA DO SOCORRO ; PEREIRA, LEILA MARIA MOREIRA BELTRÃO ; MOURA, PATRÍCIA . Myeloperoxidase gene polymorphism predicts fibrosis severity in women with hepatitis C. Human Immunology , v. 75, p. 766-770, 2014.

  • HOLANDA, KATARINA ; QUINTAS, ADÔNIS ; MENDONÇA, TACIANA ; LIMA, ALEIDE ; VASCONCELOS, LUYDSON RICHARDSON ; MOURA, PATRÍCIA ; CAVALCANTI, MARIA ; MACHADO, CÍNTIA ; ARAÚJO, ADERSON SILVA ; LUCENA-ARAUJO, ANTONIO ROBERTO ; BEZERRA, MARCOS ANDRE . Mannose-binding lectin 2 (MBL2) gene polymorphisms do not influence frequency of infections in chronic lymphocytic leukemia patients. Revista Brasileira de Hematologia e Hemoterapia (Impresso) , v. 36, p. 29-34, 2014.

  • VASCONCELOS, L. R. S. ; FONSECA, J. P. L. ; CARMO, R. F. ; MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M. ; PEREIRA, V. R. A. ; LUCENA-SILVA, N. ; PEREIRA, L.M.M.B. ; MOURA, P. ; CAVALCANTI, M. S. M. . Mannose binding lectin (MBL) serum levels in patients with leprosy are influenced by age and MBL2 genotypes. International Journal of Infectious Diseases , v. 15, p. 551-557, 2011.

  • MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M. ; OLIVEIRA, M.C.V.C. ; VASCONCELOS, L. R. S. ; PEREIRA, L.M.M.B. ; MOURA, P. ; BEZERRA, M.A.C ; SANTOS, M. N. N. ; ARAUJO, A. S. ; CAVALCANTI, M. S. M. . Association of variant alleles of MBL2 gene with vasoocclusive crisis in children with sickle cell anemia. Blood Cells, Molecules & Diseases , v. 44, p. 224-228, 2010.

  • OLIVEIRA, M.C.V.C. ; MENDONÇA,T. F. ou BELMONT, T.F.M. ; VASCONCELOS, L. R. S. ; MOURA, P. ; BEZERRA, M.A.C ; SANTOS, M. N. N. ; ARAUJO, A. S. ; CAVALCANTI, M. S. M. . Association of the MBL2 Gene EXON1 Polymorphism and Vasoocclusive Crisis in Patients with Sickle Cell Anemia. Acta Haematologica , v. 121, p. 212-215, 2009.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2018 - Atual

    Avaliação dos polimorfismos e expressões dos genes da galectina-7 (LGALS7), metaloproteinases (MMPs) e seus inibidores (TIMPs) com úlcera de membros inferiores em pacientes com anemia falciforme, Descrição: A AF, doença monogênica de caráter multifatorial, é caracterizada por manifestações clínicas diversas, entre elas a úlcera de membros inferiores. Evidências sugerem que as manifestações clínicas dos pacientes com AF ocorrem principalmente devido à falcização das hemácias, com consequente hemólise, bem como pela associação entre os eritrócitos falcizados e outros componentes sanguíneos, particularmente precursores eritróides. Alguns marcadores moleculares clássicos foram previamente associados com a evolução da doença, em que se destacam a co-herança com a alfa-talassemia e os haplótipos do cluster da globina . Entretanto, estes marcadores por si só não são suficientes para predizer o desfecho clínico dos pacientes, nem consegue estratificá-los de acordo com o risco de desenvolvimento dessas manifestações. Pelo fato das úlceras de membros inferiores serem uma complicação crônica, bastante frequente e dolorosa na AF, existe, portanto, a necessidade de identificar marcadores precoces para essa complicação, de forma que medidas preventivas possam ser tomadas, evitando complicações futuras e intervenções cirúrgicas, proporcionando dessa forma melhoria da sobrevida e da qualidade de vida desses pacientes. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Taciana Furtado de Mendonça Belmont - Integrante / Marcos André Bezerra - Integrante / Aderson da Silva Araújo - Integrante / Isabela Farias - Integrante / CAVALCANTI, MARIA DO SOCORRO M. - Coordenador / Luydson Richardson Silva Vasconcelos - Integrante / Roberta dos Santos Souza - Integrante / Bruna Assis Tenório Pinto - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.

  • 2017 - Atual

    Estudo de expressão e de SNPs em regiões genicas de microRNAs relacionados com a evolução da doença hepática de pacientes infectados pelo vírus da hepatite C, Descrição: A infecção provocada pelo vírus da hepatite C (VHC) afeta cerca de 3% da população mundial e é uma das principais causas de transplante de fígado. Os determinantes da progressão da doença causada pelo HCV incluem fatores relacionados ao vírus como ao hospedeiro. Estudos de associação do genoma (GWAS) identificou o genótipo IFNL3 CC (ex-IL28B) (rs12979860 CC) associado com a eliminação espontânea do vírus e resposta sustentada ao tratamento. Contudo, mecanismos adicionais de controle genético relacionadas com a progressão para fibrose e carcinoma hepatocelular (HCC) precisam de ser estudados. Polimorfismos de nucleotídeo único (SNPs) relacionadas com os genes da resposta imune e inflamatória são os principais alvos associados à progressão da fibrose, resposta ao tratamento e HCC. A expressão e função do gene também pode ser influenciada por RNAs não-codificantes, entre os quais o microRNAs (miRNAs) já foram associados à fibrose e ao câncer. MicroRNAs tem aprox. 22 nucleótidos de comprimento e, geralmente, são capazes de suprimir um grande número de genes. Coletivamente, os miRNAs podem afetar quase todos os processos celulares, do desenvolvimento à oncogênese. O genoma humano mostra mais de 1800 estruturas de hairpin de ARN que podem produzir pequenos RNAs e cerca de 1000 miRNAs foram descritos. A pressão seletiva durante a evolução parece ter mantido o emparelhamento entre miRNAs e mais de metade dos genes que codificam para proteínas humanas, sugerindo que cerca de 60% da expressão dos genes é regulada por miRNAs. Interessante, a infecção por HCV induz a expressão de miR- 208b-5p e miR-499A que controlam a expressão de IFNL3. Neste contexto, os estudos que caracterizam polimorfismos em genes miRNAs expressos no fígado poderia mostrar as vias reguladoras envolvidas na progressão da doença causada pelo HCV. Ainda, há uma grande limitação do conhecimento sobre as variações de miRNAs e seu envolvimento nas vias da patogênese da infecção crônica pelo HCV. Outras famílias de miRNAs também mostraram uma associação com a resposta ao tratamento e progressão para fibrose. No entanto, um amplo estudo sobre a variação genes de miRNA e sua expressão no tecido do fígado e soro de pacientes infectados pelo HCV precisa ser realizado. Portanto, a genotipagem de SNPs na região genômica da miRNAs combinada com sua expressão (análise funcional) em ambos os compartimentos podem revelar mecanismos relacionados com a progressão da doença, bem como, proporcionar marcadores valiosos para prognóstico da doença hepática... , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Doutorado: (1) . , Integrantes: Taciana Furtado de Mendonça Belmont - Integrante / Patrícia Moura - Integrante / Rodrigo Feliciano do Carmo - Integrante / Luydson Richardson Silva Vasconcelos - Coordenador / Leila Maria Beltrão Pereira - Integrante / RAUL EMIDIO DE LIMA - Integrante.

  • 2016 - 2018

    Avaliação dos Níveis Séricos e do Polimorfismo Gênico da Serino Protease Associada à MBL (MASP-2) com Úlcera de Membros Inferiores em Pacientes Com Anemia Falciforme, Descrição: A úlcera de membros inferiores é uma complicação frequente na AF e ocorre devido a vaso-oclusão, hipóxia tecidual, hemólise e fatores genéticos, apresentando cicatrização lenta e alta taxa de recorrência. A lectina ligadora de manose (MBL) é uma das proteínas mais importantes da imunidade inata, que leva à ativação do sistema complemento (SC). A ativação do SC pela via das lectinas resulta da ligação da MBL e de ficolinas séricas direto aos açúcares ou grupos N-acetil em patógenos, e assim, ativam as serino proteases associadas à MBL (MASPs). No presente trabalho iremos analisar os polimorfismos do MASP2 no íntron 4 (g.7164G>A: rs2273344); dois no éxon 10 [p.D371Y (g.21370T>G: rs12711521) e p.V377A (g.21389T>C: rs2273346)] e um no éxon 12 [p.R439H (g.24599G>A: rs12085877)]. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Taciana Furtado de Mendonça Belmont - Integrante / Marcos André Bezerra - Integrante / Aderson da Silva Araújo - Integrante / Isabela Farias - Integrante / CAVALCANTI, MARIA DO SOCORRO M. - Coordenador / Luydson Richardson Silva Vasconcelos - Integrante / Bruna Assis Tenório Pinto - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Bolsa.

  • 2016 - 2018

    Avaliação da associação dos níveis séricos e do polimorfismo gênico das regiões +191 e +292 da galectina-3 com úlcera de membros inferiores em pacientes com anemia falciforme., Descrição: Como a gal-3 está envolvida na modulação do processo inflamatório e as úlceras de membros inferiores são complicações crônicas e inflamatórias, bastante dolorosa e frequentes na AF, o objetivo deste estudo será avaliar se os níveis séricos desta proteína, bem como os polimorfismos do LGALS3, estão associados com a presença de úlcera de membros inferiores nos pacientes com AF.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (2) . , Integrantes: Taciana Furtado de Mendonça Belmont - Integrante / Marcos André Bezerra - Integrante / Aderson da Silva Araújo - Integrante / Isabela Farias - Integrante / DE MENDONÇA CAVALCANTI, MARIA DO SOCORRO - Coordenador / Kleyton Palmeira do Ó - Integrante / Luydson Richardson Silva Vasconcelos - Integrante.

  • 2016 - Atual

    Avaliação dos Níveis Séricos e do Polimorfismo Gênico da Serino Protease Associada à MBL (MASP-2) com Úlcera de Membros Inferiores em Pacientes Com Anemia Falciforme, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Maria do Socorro de Mendonça Cavalcanti em 07/07/2016., Descrição: Verificar a existência de associação dos polimorfismos do gene MASP2, bem como dos níveis séricos da MASP-2 com úlcera de membros inferiores em pacientes com anemia falciforme.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Taciana Furtado de Mendonça Belmont - Integrante / Marcos André Bezerra - Integrante / Maria do Socorro de Mendonça Cavalcanti - Coordenador / Isabela Farias - Integrante / Igor Domingos - Integrante / Diego Martins - Integrante / Diego A Falcao - Integrante.

  • 2016 - Atual

    Associação entre diferentes polimorfismos e lipodistrofia em pacientes soropositivos para HIV em terapia antirretroviral no estado de Pernambuco ? Um estudo transversal de caráter analítico, Descrição: Nem todos os pacientes em uso de TARV desenvolvem efeitos adversos atribuídos a essas drogas, sugerindo que a predisposição genética pode desempenhar um papel importante nesses efeitos, portanto este estudo se propõe a verificar a associação entre os polimorfismos nos genes HFE 187C>G, MMP1 (-16071G/2G), ApoC3 (-455CC) e ESR2 (rs3020450) e a lipodistrofia em pessoas infectadas com HIV usando antirretrovirais no estado de Pernambuco... , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Taciana Furtado de Mendonça Belmont - Integrante / Maria do Socorro de Mendonça Cavalcanti - Integrante / Demócrito de Barros Miranda Filho - Coordenador / Andreia Soares da Silva - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Auxílio financeiro.

  • 2016 - Atual

    POLIMORFISMOS E EXPRESSÃO DE GENES DA IMUNIDADE (GALECTINA-3, -7, -9, DC-SIGN) E DE miRNAs EM HEPATITE C E ANEMIA FALCIFORME., Descrição: Investigar polimorfismos genéticos e expressão gênica de miRNAs e proteínas que fazem parte da imunidade inata e adaptativa (galectina-3, -7, -9, DC-SIGN), e verificar associações com fenótipos clínicos relacionados à gravidade da hepatite c e anemia falciforme.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (41) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Taciana Furtado de Mendonça Belmont - Integrante / Patrícia Moura - Integrante / CAVALCANTI, MARIA DO SOCORRO M. - Coordenador / Leila Maria Beltrão Pereira - Integrante / Luydson Richardson Silva Vasconcelos - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Bolsa.

  • 2016 - Atual

    Detecção de mutações PML-RAR, polimorfismos do gene LGALS3 e dosagem sérica da proteína Galectina-3 em Pacientes com Leucemia Promielocítica Aguda, Descrição: A Leucemia Promielocítica Aguda (LPA), é caracterizada por t(15;17)(q22;q12)/rearranjo PML-RAR. Atualmente, pacientes com LPA podem alcançar taxas de sobrevida de mais de 80%. No entanto, podem desenvolver resistência a terapias baseadas em ácido all-trans retinóico (ATRA) e trióxido de arsênico (ATO) devido a algumas mutações nos genes PML e RAR que reduzem a variabilidade de ligação do ATRA e atividade regulatória do gene além de transmitirem forte vantagem competitiva para subclones mutantes que levam à recaída. Do mesmo modo, a proteína galectina-3 (Gal-3), que tem papel na progressão tumoral, pode conferir resistência ao tratamento em pacientes com leucemias agudas quando expressa em quantidade aumentada e sua ação ainda não foi estudada na LPA. O objetivo principal deste estudo é detectar mutações presentes nos genes PML e RAR, polimorfismos do gene LGALS3 e dosagem sérica da proteína galectina-3 em amostras de pacientes com LPA e relacionar com resistência ao tratamento, recaída, prognóstico e sobrevida... , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Doutorado: (1) . , Integrantes: Taciana Furtado de Mendonça Belmont - Integrante / CAVALCANTI, MARIA DO SOCORRO M. - Integrante / Ilana F Azevedo - Integrante / Raul Melo - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Bolsa.

  • 2012 - Atual

    Avaliação do papel da galectina-3 em eritrócitos, de pacientes com anemia falciforme (HbSS), submetidos a condições hipóxicas e sua possível aplicação em prognóstico e terapêutica., Descrição: Avaliar o papel da galectina-3 em eritrócitos, de pacientes com anemia falciforme (HbSS), submetidos a condições hipóxicas e sua possível aplicação em prognóstico e terapêutica.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Taciana Furtado de Mendonça Belmont - Integrante / Luydson Richardson Vasconcelos - Integrante / Patrícia Moura - Integrante / Maria do Socorro de Mendonça Cavalcanti - Coordenador / Eduardo Isidoro Carneiro Beltrão - Integrante / Moacyr Barreto - Integrante / Carla Maria Mola de Vasconcelos - Integrante / Paula Guerra Castor - Integrante.

  • 2012 - Atual

    Associação do polimorfismo dos genes da interleucina 10 (IL-10), Fator de Necrose Tumoral alfa (TNF-) e seus níveis séricos com crise vaso oclusiva em crianças portadoras de Anemia Falciforme, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Maria do Socorro de Mendonça Cavalcanti em 26/10/2012., Descrição: O objetivo desse projeto é investigar o polimorfismo de um único nucleotídeo dos genes da IL-10 e TNF- e verificar sua associação com crise vaso oclusivas em crianças com AF. Investigar se existe associação entre os polimorfismos da IL10 e do TNF- com os níveis séricos dos pacientes com AF. Contribuir para o entendimento dos mecanismos da fisiopatologia da AF associados aos processos inflamatórios.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Taciana Furtado de Mendonça Belmont - Integrante / Maria do Carmo Oliveira - Integrante / Luydson Richardson Vasconcelos - Integrante / Patrícia Moura - Integrante / Marcos André Bezerra - Integrante / Aderson da Silva Araújo - Integrante / Maria do Socorro de Mendonça Cavalcanti - Coordenador / Carla Maria Mola de Vasconcelos - Integrante / Paula Guerra Castor - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Bolsa.

  • 2012 - Atual

    Frequência do polimorfismo do gene GPx-1 e sua associação com eventos vaso-oclusivos em portadores de anemia falciforme., Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Maria do Socorro de Mendonça Cavalcanti em 26/10/2012., Descrição: Determinar a frequência do polimorfismo do gene GPX-1 e verificar a associação com eventos vaso-oclusivos em portadores de anemia falciforme.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Taciana Furtado de Mendonça Belmont - Integrante / Maria do Carmo Oliveira - Integrante / Luydson Richardson Vasconcelos - Integrante / Patrícia Moura - Integrante / Marcos André Bezerra - Integrante / Aderson da Silva Araújo - Integrante / Maria do Socorro de Mendonça Cavalcanti - Coordenador / Carla Maria Mola de Vasconcelos - Integrante / Paula Guerra Castor - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2011 - 2013

    Avaliação do polimorfismo do gene da interleucina 28B (IL28B) na doença crônica di fígado pelo vírus da hepatite C., Descrição: Avaliar o polimorfismo do gene da interleucina 28B (IL28B) na doença crônica di fígado pelo vírus da hepatite C.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Taciana Furtado de Mendonça Belmont - Integrante / Luydson Richardson Vasconcelos - Integrante / Patrícia Moura - Integrante / Maria do Socorro de Mendonça Cavalcanti - Integrante / Márcia de Camargo Morais - Integrante / Leila Maria Moreira Beltrão Pereira - Coordenador / Rodrigo Feliciano do Carmo - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2011 - 2013

    AVALIAÇÃO DO POLIMORFISMO DOS GENES DA INTERLEUCINA 10 (IL-10), LECTINA LIGADORA DE MANOSE (MBL2) E MIELOPEROXIDASE (MPO) NA DOENÇA CRÔNICA DO FÍGADO CAUSADA PELO VÍRUS DA HEPATITE C (HCV), Descrição: AVALIAR O POLIMORFISMO DOS GENES DA INTERLEUCINA 10 (IL-10), LECTINA LIGADORA DE MANOSE (MBL2) E MIELOPEROXIDASE (MPO) NA DOENÇA CRÔNICA DO FÍGADO CAUSADA PELO VÍRUS DA HEPATITE C (HCV). , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Taciana Furtado de Mendonça Belmont - Integrante / Luydson Richardson Vasconcelos - Integrante / Patrícia Moura - Coordenador / Maria do Socorro de Mendonça Cavalcanti - Integrante / Leila Maria Moreira Beltrão Pereira - Integrante / Rodrigo Feliciano do Carmo - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2010 - 2013

    Pesquisa de anticorpos contra o antígeno PGL-1 do Mycobacterium leprae e o polimorfismo da MBL: Um possível marcador genético para a doença em casos e contactantes de áreas com maior risco no município do Recife ? PE, Descrição: Verificar o potencial existente do polimorfismo do gene MBL2 como marcador genético de hanseníase e sua associação com a sorologia anti-PGL-1 em casos e contactantes nas áreas de maior risco no município Recife no período de 2006 a 2010.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Doutorado: (3) . , Integrantes: Taciana Furtado de Mendonça Belmont - Integrante / Luydson Richardson Vasconcelos - Integrante / Patrícia Moura - Integrante / Maria do Socorro de Mendonça Cavalcanti - Coordenador / Juliana Duque - Integrante / Marcus Túlio Batista Wanderley - Integrante / Jacyra Salucy Antunes Ferreira - Integrante.

  • 2010 - 2012

    Análise proteômica da membrana dos eritrócitos de portadores de anemia falciforme direcionada para proteínas do stress oxidativo., Descrição: Realizar uma comparação qualitativa e semiquantitativa das proteínas do estresse oxidativo da membrana dos eritrócitos HbSS com menor e maior grau de irreversibilidade, utilizando como controles os eritrócitos HbAA, a fim de obter informações sobre os mecanismos que possam influenciar nos sinais e sintomas da Anemia Falciforme.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Taciana Furtado de Mendonça Belmont - Coordenador / Luydson Richardson Vasconcelos - Integrante / Patrícia Moura - Integrante / Aderson da Silva Araújo - Integrante / Maria do Socorro de Mendonça Cavalcanti - Integrante / Joel Lewis Grene - Integrante / Andreia Soares da Silva - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Bolsa / Financiadora de Estudos e Projetos - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2010

    VARIANTES ALÉLICAS DO GENE MBL2 EM PACIENTES COM ANEMIA FALCIFORME, Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Taciana Furtado de Mendonça Belmont - Integrante / Patrícia Moura - Coordenador / Maria do Socorro de Mendonça Cavalcanti - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2010

    Avaliação do uso de hemocomponentes na evolução clínica de pacientes pós-transplante hepático., Descrição: Diante do impacto nos estoques de hemocomponentes e a necessidade de atender com presteza às solicitações para viabilizar os transplantes ortotópicos de fígado no Hospital Universitário Osvaldo Cruz, identificar a demanda e as complicações decorrentes da utilização dos hemocomponentes durante e pós-transplante hepático, bem como, a evolução clínica dos pacientes nos seis meses seguintes do transplante é importante para estabelecer protocolos hemoterápicos que contribuam para o sucesso no transplante hepático.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Taciana Furtado de Mendonça Belmont - Integrante / Maria do Carmo Oliveira - Integrante / Maria do Socorro de Mendonça Cavalcanti - Coordenador / Fábia Michelle Rodrigues de Araújo - Integrante / Bernardo David Sabat - Integrante / Cristina de Fátima Velloso Carrazzone - Integrante / Claudio Moura Lacerda - Integrante / Kelly Reis de Menezes - Integrante.

  • 2007 - 2009

    PROTEÔMICA ESTRUTURAL E FUNCIONAL APLICADA À ÁREA BIOMÉDICA, Descrição: Projeto elaborado em parcerias com 15 IES em atendimento à Chamada Pública MCT/FINEP/Ação Transversal Rede Genoprot 08/2007, tendo como executor e proponente a Fundação Hemocentro de Ribeirão Preto e Dr. Lewis Joel como coordenador. Nesta proposta foi solicitado, de comum acordo, equipamento permanente importado conforme se segue: um espectrômetro de massas hibrido MALDI-Q-TOF com todos os acessórios e um sistema de nanoHPLC. Nesta proposta coordeno o sub-projeto Análise proteômica de membrana dos eritrócitos de pacientes com anemia falciforme direcionada para proteínas do stress oxidativo.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Taciana Furtado de Mendonça Belmont - Integrante / Maria do Socorro de Mendonça Cavalcanti - Coordenador / Joel Lewis Grene - Integrante., Financiador(es): Financiadora de Estudos e Projetos - Auxílio financeiro.

  • 2007 - 2009

    Polimorfismo do gene da lectina ligadora de manose (MBL2) na infecção por Mycobacterium leprae, Descrição: Atualmente, o Brasil detém o segundo lugar no mundo em número de casos de hanseníase, sendo considerado pela Organização Mundial de Saúde (OMS) como um país endêmico para a doença. O estado de Pernambuco apresenta uma média de mais de 2500 novos casos por ano e Recife lidera o ranking das capitais com maior taxa de pacientes por residência. A hanseníase é causada pelo Mycobacterium leprae (M. Leprae), que se caracteriza por ser um patógeno intracelular obrigatório. Muitos indivíduos expostos ao M.leprae são resistentes à infecção, enquanto outros são susceptíveis e desenvolvem diferentes manifestações clínicas, dependendo da resposta imune do hospedeiro. Acredita-se que a deficiência de MBL possa proteger o organismo contra infecções por parasitas intracelulares, inclusive o M.leprae. Desta forma, nosso estudo pretende investigar se o polimorfismo da MBL poderia estar associado a resistência e as formas lepromatosa da hanseníase... , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Taciana Furtado de Mendonça Belmont - Integrante / Luydson Richardson Vasconcelos - Integrante / Patrícia Moura - Coordenador / Juliana Pereira Lopes Fonseca - Integrante / Maria do Socorro de Mendonça Cavalcanti - Integrante / Valéria Pereira - Integrante / Norma Lucena - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2006 - 2007

    Purificação e caracterização de lectina, inibidor de protease e peptídeo anti-microbiano da hemolinfa da aranha caranguejeira Lasiodora sp., Descrição: Purificar e caracterizar lectina, inibidor de protease e peptídeo antimicrobiano presente no plasma da aranha caranguejeira Lasiodora sp... , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Taciana Furtado de Mendonça Belmont - Integrante / Felipe Roberto Borba Ferreira - Integrante / Mirela Bezerra - Integrante / Maria do Socorro de Mendonça Cavalcanti - Coordenador / Márcia de Camargo Morais - Integrante / Pedro Ismael da Silva Junior - Integrante / Aparecida Sadae Tanaka - Integrante / Patricia M G Paiva - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Bolsa / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2005 - 2009

    Polimorfismo do gene MBL 2 em pacientes portadores de anemia falciforme., Descrição: Determinar a freûência do polimorfismo do gene MBL 2 em pacientes portadores de anameia falsiforme atendidos no HEMOPE - PE e verificar a associação com infecções recorrentes sempre presentes nestes pacientes.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Taciana Furtado de Mendonça Belmont - Integrante / Maria do Carmo Oliveira - Integrante / Luydson Richardson Vasconcelos - Integrante / Patrícia Moura - Integrante / Maria do Socorro de Mendonça Cavalcanti - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de desenvolvimento

  • 2008 - 2010

    INSTALAÇÃO DE LABORATÓRIO MULTIUSUÁRIOS PARA APOIAR PROJETOS DE PESQUISA NA ÁREA DE SAÚDE DA UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO, Descrição: : A Fundação Universidade de Pernambuco (UPE) é uma entidade pública mantida pelo erário estadual, criada pela Lei Estadual nº 10.518, de 29 de novembro de 1990, com base no Art. 186 da Constituição do Estado de Pernambuco e reconhecida pela Portaria Ministerial nº 964, de 12 de junho de 1991, com sede e foro na cidade do Recife e atuação em todo o território pernambucano, desenvolvendo suas atividades de ensino, pesquisa e extensão em oito campi (Santo Amaro; Benfica; Camaragibe; Nazaré da Mata; Garanhuns; Caruaru; de Salgueiro; Petrolina). Compõem ainda a UPE, três unidades de ensino e saúde (Hospital Universitário Oswaldo Cruz (HUOC), Centro Integrado de Saúde Amaury de Medeiros (CISAM), Pronto Socorro Cardiológico de Pernambuco (PROCAPE). A qualificação dos docentes aliada ao grande esforço de seus dirigentes na implantação de programas de iniciação científica, extensão e pós-graduação stricto sensu tem demonstrado o compromisso da UPE em estabelecer metas concretas para vencer desafios e fazer com que a Universidade possa contribuir decisivamente para o desenvolvimento econômico e social da região e geração do conhecimento. Considerando a busca pela qualidade da atividade de pesquisa e dos programas de formação de recursos humanos, é imprescindível a implantação de um laboratório com característica multidisciplinar, dotado de equipamentos que permitam a resolução de problemas de alta complexidade, tendo como premissa a redução de custo e favorecendo uma maior interação entre pesquisadores, estudantes de pós-graduação e iniciação científica. A infra-estrutura atualmente existente está principalmente voltada para estudos de biologia molecular, sendo necessário o desenvolvimento de outras áreas que surgiram recentemente com a aprovação de novos cursos de Pós-Graduação da UPE pela CAPES. Daí a importância da presente proposta para implantação do Laboratório multiusuário na área da saúde dotado de equipamentos que possibilitem a operação de uma central analít.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Taciana Furtado de Mendonça Belmont - Integrante / Patrícia Moura - Integrante / Maria do Socorro de Mendonça Cavalcanti - Coordenador / Maria Tereza Cartaxo Muniz - Integrante / Rosa Amália Fireman Dutra - Integrante / Ricardo Araes A Ximenes - Integrante / Eduardo Isidoro Carneiro Beltrão - Integrante / Rita de Cassia de Moura - Integrante / Demócrito de Barros Miranda Filho - Integrante / Maria da Conceição Andrade - Integrante / Divaldo de Almeida Sampaio - Integrante / Zulma Maria de Medeiros - Integrante / Luiz Eduardo Correia Miranda - Integrante / Marília de França Rocha - Integrante / Joaquim Celestino da Silva - Integrante / Márcia de Camargo Morais - Integrante / Wagner Prado - Integrante / Raphael M. R. Dias - Integrante / Irapuan Oliveira Pinheiro - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Bolsa.

  • 2008 - 2010

    INSTALAÇÃO DE LABORATÓRIO MULTIUSUÁRIOS PARA APOIAR PROJETOS DE PESQUISA NA ÁREA DE SAÚDE DA UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO, Descrição: : A Fundação Universidade de Pernambuco (UPE) é uma entidade pública mantida pelo erário estadual, criada pela Lei Estadual nº 10.518, de 29 de novembro de 1990, com base no Art. 186 da Constituição do Estado de Pernambuco e reconhecida pela Portaria Ministerial nº 964, de 12 de junho de 1991, com sede e foro na cidade do Recife e atuação em todo o território pernambucano, desenvolvendo suas atividades de ensino, pesquisa e extensão em oito campi (Santo Amaro; Benfica; Camaragibe; Nazaré da Mata; Garanhuns; Caruaru; de Salgueiro; Petrolina). Compõem ainda a UPE, três unidades de ensino e saúde (Hospital Universitário Oswaldo Cruz (HUOC), Centro Integrado de Saúde Amaury de Medeiros (CISAM), Pronto Socorro Cardiológico de Pernambuco (PROCAPE). A qualificação dos docentes aliada ao grande esforço de seus dirigentes na implantação de programas de iniciação científica, extensão e pós-graduação stricto sensu tem demonstrado o compromisso da UPE em estabelecer metas concretas para vencer desafios e fazer com que a Universidade possa contribuir decisivamente para o desenvolvimento econômico e social da região e geração do conhecimento. Considerando a busca pela qualidade da atividade de pesquisa e dos programas de formação de recursos humanos, é imprescindível a implantação de um laboratório com característica multidisciplinar, dotado de equipamentos que permitam a resolução de problemas de alta complexidade, tendo como premissa a redução de custo e favorecendo uma maior interação entre pesquisadores, estudantes de pós-graduação e iniciação científica. A infra-estrutura atualmente existente está principalmente voltada para estudos de biologia molecular, sendo necessário o desenvolvimento de outras áreas que surgiram recentemente com a aprovação de novos cursos de Pós-Graduação da UPE pela CAPES. Daí a importância da presente proposta para implantação do Laboratório multiusuário na área da saúde dotado de equipamentos que possibilitem a operação de uma central analít.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Taciana Furtado de Mendonça Belmont - Integrante / Patrícia Moura - Integrante / Maria do Socorro de Mendonça Cavalcanti - Coordenador / Maria Tereza Cartaxo Muniz - Integrante / Rosa Amália Fireman Dutra - Integrante / Ricardo Araes A Ximenes - Integrante / Eduardo Isidoro Carneiro Beltrão - Integrante / Rita de Cassia de Moura - Integrante / Demócrito de Barros Miranda Filho - Integrante / Maria da Conceição Andrade - Integrante / Divaldo de Almeida Sampaio - Integrante / Zulma Maria de Medeiros - Integrante / Luiz Eduardo Correia Miranda - Integrante / Marília de França Rocha - Integrante / Joaquim Celestino da Silva - Integrante / Márcia de Camargo Morais - Integrante / Wagner Prado - Integrante / Raphael M. R. Dias - Integrante / Irapuan Oliveira Pinheiro - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Bolsa.

  • 2008 - 2010

    INSTALAÇÃO DE LABORATÓRIO MULTIUSUÁRIOS PARA APOIAR PROJETOS DE PESQUISA NA ÁREA DE SAÚDE DA UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO, Descrição: : A Fundação Universidade de Pernambuco (UPE) é uma entidade pública mantida pelo erário estadual, criada pela Lei Estadual nº 10.518, de 29 de novembro de 1990, com base no Art. 186 da Constituição do Estado de Pernambuco e reconhecida pela Portaria Ministerial nº 964, de 12 de junho de 1991, com sede e foro na cidade do Recife e atuação em todo o território pernambucano, desenvolvendo suas atividades de ensino, pesquisa e extensão em oito campi (Santo Amaro; Benfica; Camaragibe; Nazaré da Mata; Garanhuns; Caruaru; de Salgueiro; Petrolina). Compõem ainda a UPE, três unidades de ensino e saúde (Hospital Universitário Oswaldo Cruz (HUOC), Centro Integrado de Saúde Amaury de Medeiros (CISAM), Pronto Socorro Cardiológico de Pernambuco (PROCAPE). A qualificação dos docentes aliada ao grande esforço de seus dirigentes na implantação de programas de iniciação científica, extensão e pós-graduação stricto sensu tem demonstrado o compromisso da UPE em estabelecer metas concretas para vencer desafios e fazer com que a Universidade possa contribuir decisivamente para o desenvolvimento econômico e social da região e geração do conhecimento. Considerando a busca pela qualidade da atividade de pesquisa e dos programas de formação de recursos humanos, é imprescindível a implantação de um laboratório com característica multidisciplinar, dotado de equipamentos que permitam a resolução de problemas de alta complexidade, tendo como premissa a redução de custo e favorecendo uma maior interação entre pesquisadores, estudantes de pós-graduação e iniciação científica. A infra-estrutura atualmente existente está principalmente voltada para estudos de biologia molecular, sendo necessário o desenvolvimento de outras áreas que surgiram recentemente com a aprovação de novos cursos de Pós-Graduação da UPE pela CAPES. Daí a importância da presente proposta para implantação do Laboratório multiusuário na área da saúde dotado de equipamentos que possibilitem a operação de uma central analít.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Taciana Furtado de Mendonça Belmont - Integrante / Patrícia Moura - Integrante / Maria do Socorro de Mendonça Cavalcanti - Coordenador / Maria Tereza Cartaxo Muniz - Integrante / Rosa Amália Fireman Dutra - Integrante / Ricardo Araes A Ximenes - Integrante / Eduardo Isidoro Carneiro Beltrão - Integrante / Rita de Cassia de Moura - Integrante / Demócrito de Barros Miranda Filho - Integrante / Maria da Conceição Andrade - Integrante / Divaldo de Almeida Sampaio - Integrante / Zulma Maria de Medeiros - Integrante / Luiz Eduardo Correia Miranda - Integrante / Marília de França Rocha - Integrante / Joaquim Celestino da Silva - Integrante / Márcia de Camargo Morais - Integrante / Wagner Prado - Integrante / Raphael M. R. Dias - Integrante / Irapuan Oliveira Pinheiro - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Bolsa.

  • 2008 - 2010

    INSTALAÇÃO DE LABORATÓRIO MULTIUSUÁRIOS PARA APOIAR PROJETOS DE PESQUISA NA ÁREA DE SAÚDE DA UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO, Descrição: : A Fundação Universidade de Pernambuco (UPE) é uma entidade pública mantida pelo erário estadual, criada pela Lei Estadual nº 10.518, de 29 de novembro de 1990, com base no Art. 186 da Constituição do Estado de Pernambuco e reconhecida pela Portaria Ministerial nº 964, de 12 de junho de 1991, com sede e foro na cidade do Recife e atuação em todo o território pernambucano, desenvolvendo suas atividades de ensino, pesquisa e extensão em oito campi (Santo Amaro; Benfica; Camaragibe; Nazaré da Mata; Garanhuns; Caruaru; de Salgueiro; Petrolina). Compõem ainda a UPE, três unidades de ensino e saúde (Hospital Universitário Oswaldo Cruz (HUOC), Centro Integrado de Saúde Amaury de Medeiros (CISAM), Pronto Socorro Cardiológico de Pernambuco (PROCAPE). A qualificação dos docentes aliada ao grande esforço de seus dirigentes na implantação de programas de iniciação científica, extensão e pós-graduação stricto sensu tem demonstrado o compromisso da UPE em estabelecer metas concretas para vencer desafios e fazer com que a Universidade possa contribuir decisivamente para o desenvolvimento econômico e social da região e geração do conhecimento. Considerando a busca pela qualidade da atividade de pesquisa e dos programas de formação de recursos humanos, é imprescindível a implantação de um laboratório com característica multidisciplinar, dotado de equipamentos que permitam a resolução de problemas de alta complexidade, tendo como premissa a redução de custo e favorecendo uma maior interação entre pesquisadores, estudantes de pós-graduação e iniciação científica. A infra-estrutura atualmente existente está principalmente voltada para estudos de biologia molecular, sendo necessário o desenvolvimento de outras áreas que surgiram recentemente com a aprovação de novos cursos de Pós-Graduação da UPE pela CAPES. Daí a importância da presente proposta para implantação do Laboratório multiusuário na área da saúde dotado de equipamentos que possibilitem a operação de uma central analít.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Taciana Furtado de Mendonça Belmont - Integrante / Patrícia Moura - Integrante / Maria do Socorro de Mendonça Cavalcanti - Coordenador / Maria Tereza Cartaxo Muniz - Integrante / Rosa Amália Fireman Dutra - Integrante / Ricardo Araes A Ximenes - Integrante / Eduardo Isidoro Carneiro Beltrão - Integrante / Rita de Cassia de Moura - Integrante / Demócrito de Barros Miranda Filho - Integrante / Maria da Conceição Andrade - Integrante / Divaldo de Almeida Sampaio - Integrante / Zulma Maria de Medeiros - Integrante / Luiz Eduardo Correia Miranda - Integrante / Marília de França Rocha - Integrante / Joaquim Celestino da Silva - Integrante / Márcia de Camargo Morais - Integrante / Wagner Prado - Integrante / Raphael M. R. Dias - Integrante / Irapuan Oliveira Pinheiro - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Bolsa.

  • 2008 - 2010

    INSTALAÇÃO DE LABORATÓRIO MULTIUSUÁRIOS PARA APOIAR PROJETOS DE PESQUISA NA ÁREA DE SAÚDE DA UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO, Descrição: : A Fundação Universidade de Pernambuco (UPE) é uma entidade pública mantida pelo erário estadual, criada pela Lei Estadual nº 10.518, de 29 de novembro de 1990, com base no Art. 186 da Constituição do Estado de Pernambuco e reconhecida pela Portaria Ministerial nº 964, de 12 de junho de 1991, com sede e foro na cidade do Recife e atuação em todo o território pernambucano, desenvolvendo suas atividades de ensino, pesquisa e extensão em oito campi (Santo Amaro; Benfica; Camaragibe; Nazaré da Mata; Garanhuns; Caruaru; de Salgueiro; Petrolina). Compõem ainda a UPE, três unidades de ensino e saúde (Hospital Universitário Oswaldo Cruz (HUOC), Centro Integrado de Saúde Amaury de Medeiros (CISAM), Pronto Socorro Cardiológico de Pernambuco (PROCAPE). A qualificação dos docentes aliada ao grande esforço de seus dirigentes na implantação de programas de iniciação científica, extensão e pós-graduação stricto sensu tem demonstrado o compromisso da UPE em estabelecer metas concretas para vencer desafios e fazer com que a Universidade possa contribuir decisivamente para o desenvolvimento econômico e social da região e geração do conhecimento. Considerando a busca pela qualidade da atividade de pesquisa e dos programas de formação de recursos humanos, é imprescindível a implantação de um laboratório com característica multidisciplinar, dotado de equipamentos que permitam a resolução de problemas de alta complexidade, tendo como premissa a redução de custo e favorecendo uma maior interação entre pesquisadores, estudantes de pós-graduação e iniciação científica. A infra-estrutura atualmente existente está principalmente voltada para estudos de biologia molecular, sendo necessário o desenvolvimento de outras áreas que surgiram recentemente com a aprovação de novos cursos de Pós-Graduação da UPE pela CAPES. Daí a importância da presente proposta para implantação do Laboratório multiusuário na área da saúde dotado de equipamentos que possibilitem a operação de uma central analít.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Taciana Furtado de Mendonça Belmont - Integrante / Patrícia Moura - Integrante / Maria do Socorro de Mendonça Cavalcanti - Coordenador / Maria Tereza Cartaxo Muniz - Integrante / Rosa Amália Fireman Dutra - Integrante / Ricardo Araes A Ximenes - Integrante / Eduardo Isidoro Carneiro Beltrão - Integrante / Rita de Cassia de Moura - Integrante / Demócrito de Barros Miranda Filho - Integrante / Maria da Conceição Andrade - Integrante / Divaldo de Almeida Sampaio - Integrante / Zulma Maria de Medeiros - Integrante / Luiz Eduardo Correia Miranda - Integrante / Marília de França Rocha - Integrante / Joaquim Celestino da Silva - Integrante / Márcia de Camargo Morais - Integrante / Wagner Prado - Integrante / Raphael M. R. Dias - Integrante / Irapuan Oliveira Pinheiro - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Bolsa.

  • 2008 - 2010

    INSTALAÇÃO DE LABORATÓRIO MULTIUSUÁRIOS PARA APOIAR PROJETOS DE PESQUISA NA ÁREA DE SAÚDE DA UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO, Descrição: : A Fundação Universidade de Pernambuco (UPE) é uma entidade pública mantida pelo erário estadual, criada pela Lei Estadual nº 10.518, de 29 de novembro de 1990, com base no Art. 186 da Constituição do Estado de Pernambuco e reconhecida pela Portaria Ministerial nº 964, de 12 de junho de 1991, com sede e foro na cidade do Recife e atuação em todo o território pernambucano, desenvolvendo suas atividades de ensino, pesquisa e extensão em oito campi (Santo Amaro; Benfica; Camaragibe; Nazaré da Mata; Garanhuns; Caruaru; de Salgueiro; Petrolina). Compõem ainda a UPE, três unidades de ensino e saúde (Hospital Universitário Oswaldo Cruz (HUOC), Centro Integrado de Saúde Amaury de Medeiros (CISAM), Pronto Socorro Cardiológico de Pernambuco (PROCAPE). A qualificação dos docentes aliada ao grande esforço de seus dirigentes na implantação de programas de iniciação científica, extensão e pós-graduação stricto sensu tem demonstrado o compromisso da UPE em estabelecer metas concretas para vencer desafios e fazer com que a Universidade possa contribuir decisivamente para o desenvolvimento econômico e social da região e geração do conhecimento. Considerando a busca pela qualidade da atividade de pesquisa e dos programas de formação de recursos humanos, é imprescindível a implantação de um laboratório com característica multidisciplinar, dotado de equipamentos que permitam a resolução de problemas de alta complexidade, tendo como premissa a redução de custo e favorecendo uma maior interação entre pesquisadores, estudantes de pós-graduação e iniciação científica. A infra-estrutura atualmente existente está principalmente voltada para estudos de biologia molecular, sendo necessário o desenvolvimento de outras áreas que surgiram recentemente com a aprovação de novos cursos de Pós-Graduação da UPE pela CAPES. Daí a importância da presente proposta para implantação do Laboratório multiusuário na área da saúde dotado de equipamentos que possibilitem a operação de uma central analít.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Taciana Furtado de Mendonça Belmont - Integrante / Patrícia Moura - Integrante / Maria do Socorro de Mendonça Cavalcanti - Coordenador / Maria Tereza Cartaxo Muniz - Integrante / Rosa Amália Fireman Dutra - Integrante / Ricardo Araes A Ximenes - Integrante / Eduardo Isidoro Carneiro Beltrão - Integrante / Rita de Cassia de Moura - Integrante / Demócrito de Barros Miranda Filho - Integrante / Maria da Conceição Andrade - Integrante / Divaldo de Almeida Sampaio - Integrante / Zulma Maria de Medeiros - Integrante / Luiz Eduardo Correia Miranda - Integrante / Marília de França Rocha - Integrante / Joaquim Celestino da Silva - Integrante / Márcia de Camargo Morais - Integrante / Wagner Prado - Integrante / Raphael M. R. Dias - Integrante / Irapuan Oliveira Pinheiro - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Bolsa / Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Auxílio financeiro.

  • 2008 - 2010

    INSTALAÇÃO DE LABORATÓRIO MULTIUSUÁRIOS PARA APOIAR PROJETOS DE PESQUISA NA ÁREA DE SAÚDE DA UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO, Descrição: : A Fundação Universidade de Pernambuco (UPE) é uma entidade pública mantida pelo erário estadual, criada pela Lei Estadual nº 10.518, de 29 de novembro de 1990, com base no Art. 186 da Constituição do Estado de Pernambuco e reconhecida pela Portaria Ministerial nº 964, de 12 de junho de 1991, com sede e foro na cidade do Recife e atuação em todo o território pernambucano, desenvolvendo suas atividades de ensino, pesquisa e extensão em oito campi (Santo Amaro; Benfica; Camaragibe; Nazaré da Mata; Garanhuns; Caruaru; de Salgueiro; Petrolina). Compõem ainda a UPE, três unidades de ensino e saúde (Hospital Universitário Oswaldo Cruz (HUOC), Centro Integrado de Saúde Amaury de Medeiros (CISAM), Pronto Socorro Cardiológico de Pernambuco (PROCAPE). A qualificação dos docentes aliada ao grande esforço de seus dirigentes na implantação de programas de iniciação científica, extensão e pós-graduação stricto sensu tem demonstrado o compromisso da UPE em estabelecer metas concretas para vencer desafios e fazer com que a Universidade possa contribuir decisivamente para o desenvolvimento econômico e social da região e geração do conhecimento. Considerando a busca pela qualidade da atividade de pesquisa e dos programas de formação de recursos humanos, é imprescindível a implantação de um laboratório com característica multidisciplinar, dotado de equipamentos que permitam a resolução de problemas de alta complexidade, tendo como premissa a redução de custo e favorecendo uma maior interação entre pesquisadores, estudantes de pós-graduação e iniciação científica. A infra-estrutura atualmente existente está principalmente voltada para estudos de biologia molecular, sendo necessário o desenvolvimento de outras áreas que surgiram recentemente com a aprovação de novos cursos de Pós-Graduação da UPE pela CAPES. Daí a importância da presente proposta para implantação do Laboratório multiusuário na área da saúde dotado de equipamentos que possibilitem a operação de uma central analít.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Taciana Furtado de Mendonça Belmont - Integrante / Patrícia Moura - Integrante / Maria do Socorro de Mendonça Cavalcanti - Coordenador / Maria Tereza Cartaxo Muniz - Integrante / Rosa Amália Fireman Dutra - Integrante / Ricardo Araes A Ximenes - Integrante / Eduardo Isidoro Carneiro Beltrão - Integrante / Rita de Cassia de Moura - Integrante / Demócrito de Barros Miranda Filho - Integrante / Maria da Conceição Andrade - Integrante / Divaldo de Almeida Sampaio - Integrante / Zulma Maria de Medeiros - Integrante / Luiz Eduardo Correia Miranda - Integrante / Marília de França Rocha - Integrante / Joaquim Celestino da Silva - Integrante / Márcia de Camargo Morais - Integrante / Wagner Prado - Integrante / Raphael M. R. Dias - Integrante / Irapuan Oliveira Pinheiro - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Bolsa.

  • 2008 - 2010

    INSTALAÇÃO DE LABORATÓRIO MULTIUSUÁRIOS PARA APOIAR PROJETOS DE PESQUISA NA ÁREA DE SAÚDE DA UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO, Descrição: : A Fundação Universidade de Pernambuco (UPE) é uma entidade pública mantida pelo erário estadual, criada pela Lei Estadual nº 10.518, de 29 de novembro de 1990, com base no Art. 186 da Constituição do Estado de Pernambuco e reconhecida pela Portaria Ministerial nº 964, de 12 de junho de 1991, com sede e foro na cidade do Recife e atuação em todo o território pernambucano, desenvolvendo suas atividades de ensino, pesquisa e extensão em oito campi (Santo Amaro; Benfica; Camaragibe; Nazaré da Mata; Garanhuns; Caruaru; de Salgueiro; Petrolina). Compõem ainda a UPE, três unidades de ensino e saúde (Hospital Universitário Oswaldo Cruz (HUOC), Centro Integrado de Saúde Amaury de Medeiros (CISAM), Pronto Socorro Cardiológico de Pernambuco (PROCAPE). A qualificação dos docentes aliada ao grande esforço de seus dirigentes na implantação de programas de iniciação científica, extensão e pós-graduação stricto sensu tem demonstrado o compromisso da UPE em estabelecer metas concretas para vencer desafios e fazer com que a Universidade possa contribuir decisivamente para o desenvolvimento econômico e social da região e geração do conhecimento. Considerando a busca pela qualidade da atividade de pesquisa e dos programas de formação de recursos humanos, é imprescindível a implantação de um laboratório com característica multidisciplinar, dotado de equipamentos que permitam a resolução de problemas de alta complexidade, tendo como premissa a redução de custo e favorecendo uma maior interação entre pesquisadores, estudantes de pós-graduação e iniciação científica. A infra-estrutura atualmente existente está principalmente voltada para estudos de biologia molecular, sendo necessário o desenvolvimento de outras áreas que surgiram recentemente com a aprovação de novos cursos de Pós-Graduação da UPE pela CAPES. Daí a importância da presente proposta para implantação do Laboratório multiusuário na área da saúde dotado de equipamentos que possibilitem a operação de uma central analít.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Taciana Furtado de Mendonça Belmont - Integrante / Patrícia Moura - Integrante / Maria do Socorro de Mendonça Cavalcanti - Coordenador / Maria Tereza Cartaxo Muniz - Integrante / Rosa Amália Fireman Dutra - Integrante / Ricardo Araes A Ximenes - Integrante / Eduardo Isidoro Carneiro Beltrão - Integrante / Rita de Cassia de Moura - Integrante / Demócrito de Barros Miranda Filho - Integrante / Maria da Conceição Andrade - Integrante / Divaldo de Almeida Sampaio - Integrante / Zulma Maria de Medeiros - Integrante / Luiz Eduardo Correia Miranda - Integrante / Marília de França Rocha - Integrante / Joaquim Celestino da Silva - Integrante / Márcia de Camargo Morais - Integrante / Wagner Prado - Integrante / Raphael M. R. Dias - Integrante / Irapuan Oliveira Pinheiro - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Bolsa / Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Auxílio financeiro.

  • 2008 - 2010

    INSTALAÇÃO DE LABORATÓRIO MULTIUSUÁRIOS PARA APOIAR PROJETOS DE PESQUISA NA ÁREA DE SAÚDE DA UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO, Descrição: : A Fundação Universidade de Pernambuco (UPE) é uma entidade pública mantida pelo erário estadual, criada pela Lei Estadual nº 10.518, de 29 de novembro de 1990, com base no Art. 186 da Constituição do Estado de Pernambuco e reconhecida pela Portaria Ministerial nº 964, de 12 de junho de 1991, com sede e foro na cidade do Recife e atuação em todo o território pernambucano, desenvolvendo suas atividades de ensino, pesquisa e extensão em oito campi (Santo Amaro; Benfica; Camaragibe; Nazaré da Mata; Garanhuns; Caruaru; de Salgueiro; Petrolina). Compõem ainda a UPE, três unidades de ensino e saúde (Hospital Universitário Oswaldo Cruz (HUOC), Centro Integrado de Saúde Amaury de Medeiros (CISAM), Pronto Socorro Cardiológico de Pernambuco (PROCAPE). A qualificação dos docentes aliada ao grande esforço de seus dirigentes na implantação de programas de iniciação científica, extensão e pós-graduação stricto sensu tem demonstrado o compromisso da UPE em estabelecer metas concretas para vencer desafios e fazer com que a Universidade possa contribuir decisivamente para o desenvolvimento econômico e social da região e geração do conhecimento. Considerando a busca pela qualidade da atividade de pesquisa e dos programas de formação de recursos humanos, é imprescindível a implantação de um laboratório com característica multidisciplinar, dotado de equipamentos que permitam a resolução de problemas de alta complexidade, tendo como premissa a redução de custo e favorecendo uma maior interação entre pesquisadores, estudantes de pós-graduação e iniciação científica. A infra-estrutura atualmente existente está principalmente voltada para estudos de biologia molecular, sendo necessário o desenvolvimento de outras áreas que surgiram recentemente com a aprovação de novos cursos de Pós-Graduação da UPE pela CAPES. Daí a importância da presente proposta para implantação do Laboratório multiusuário na área da saúde dotado de equipamentos que possibilitem a operação de uma central analít.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Taciana Furtado de Mendonça Belmont - Integrante / Patrícia Moura - Integrante / Maria do Socorro de Mendonça Cavalcanti - Coordenador / Maria Tereza Cartaxo Muniz - Integrante / Rosa Amália Fireman Dutra - Integrante / Ricardo Araes A Ximenes - Integrante / Eduardo Isidoro Carneiro Beltrão - Integrante / Rita de Cassia de Moura - Integrante / Demócrito de Barros Miranda Filho - Integrante / Maria da Conceição Andrade - Integrante / Divaldo de Almeida Sampaio - Integrante / Zulma Maria de Medeiros - Integrante / Luiz Eduardo Correia Miranda - Integrante / Marília de França Rocha - Integrante / Joaquim Celestino da Silva - Integrante / Márcia de Camargo Morais - Integrante / Wagner Prado - Integrante / Raphael M. R. Dias - Integrante / Irapuan Oliveira Pinheiro - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Bolsa / Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Auxílio financeiro.

  • 2008 - 2010

    INSTALAÇÃO DE LABORATÓRIO MULTIUSUÁRIOS PARA APOIAR PROJETOS DE PESQUISA NA ÁREA DE SAÚDE DA UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO, Descrição: : A Fundação Universidade de Pernambuco (UPE) é uma entidade pública mantida pelo erário estadual, criada pela Lei Estadual nº 10.518, de 29 de novembro de 1990, com base no Art. 186 da Constituição do Estado de Pernambuco e reconhecida pela Portaria Ministerial nº 964, de 12 de junho de 1991, com sede e foro na cidade do Recife e atuação em todo o território pernambucano, desenvolvendo suas atividades de ensino, pesquisa e extensão em oito campi (Santo Amaro; Benfica; Camaragibe; Nazaré da Mata; Garanhuns; Caruaru; de Salgueiro; Petrolina). Compõem ainda a UPE, três unidades de ensino e saúde (Hospital Universitário Oswaldo Cruz (HUOC), Centro Integrado de Saúde Amaury de Medeiros (CISAM), Pronto Socorro Cardiológico de Pernambuco (PROCAPE). A qualificação dos docentes aliada ao grande esforço de seus dirigentes na implantação de programas de iniciação científica, extensão e pós-graduação stricto sensu tem demonstrado o compromisso da UPE em estabelecer metas concretas para vencer desafios e fazer com que a Universidade possa contribuir decisivamente para o desenvolvimento econômico e social da região e geração do conhecimento. Considerando a busca pela qualidade da atividade de pesquisa e dos programas de formação de recursos humanos, é imprescindível a implantação de um laboratório com característica multidisciplinar, dotado de equipamentos que permitam a resolução de problemas de alta complexidade, tendo como premissa a redução de custo e favorecendo uma maior interação entre pesquisadores, estudantes de pós-graduação e iniciação científica. A infra-estrutura atualmente existente está principalmente voltada para estudos de biologia molecular, sendo necessário o desenvolvimento de outras áreas que surgiram recentemente com a aprovação de novos cursos de Pós-Graduação da UPE pela CAPES. Daí a importância da presente proposta para implantação do Laboratório multiusuário na área da saúde dotado de equipamentos que possibilitem a operação de uma central analít.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Taciana Furtado de Mendonça Belmont - Integrante / Patrícia Moura - Integrante / Maria do Socorro de Mendonça Cavalcanti - Coordenador / Maria Tereza Cartaxo Muniz - Integrante / Rosa Amália Fireman Dutra - Integrante / Ricardo Araes A Ximenes - Integrante / Eduardo Isidoro Carneiro Beltrão - Integrante / Rita de Cassia de Moura - Integrante / Demócrito de Barros Miranda Filho - Integrante / Maria da Conceição Andrade - Integrante / Divaldo de Almeida Sampaio - Integrante / Zulma Maria de Medeiros - Integrante / Luiz Eduardo Correia Miranda - Integrante / Marília de França Rocha - Integrante / Joaquim Celestino da Silva - Integrante / Márcia de Camargo Morais - Integrante / Wagner Prado - Integrante / Raphael M. R. Dias - Integrante / Irapuan Oliveira Pinheiro - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Bolsa.

  • 2008 - 2010

    INSTALAÇÃO DE LABORATÓRIO MULTIUSUÁRIOS PARA APOIAR PROJETOS DE PESQUISA NA ÁREA DE SAÚDE DA UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO, Descrição: : A Fundação Universidade de Pernambuco (UPE) é uma entidade pública mantida pelo erário estadual, criada pela Lei Estadual nº 10.518, de 29 de novembro de 1990, com base no Art. 186 da Constituição do Estado de Pernambuco e reconhecida pela Portaria Ministerial nº 964, de 12 de junho de 1991, com sede e foro na cidade do Recife e atuação em todo o território pernambucano, desenvolvendo suas atividades de ensino, pesquisa e extensão em oito campi (Santo Amaro; Benfica; Camaragibe; Nazaré da Mata; Garanhuns; Caruaru; de Salgueiro; Petrolina). Compõem ainda a UPE, três unidades de ensino e saúde (Hospital Universitário Oswaldo Cruz (HUOC), Centro Integrado de Saúde Amaury de Medeiros (CISAM), Pronto Socorro Cardiológico de Pernambuco (PROCAPE). A qualificação dos docentes aliada ao grande esforço de seus dirigentes na implantação de programas de iniciação científica, extensão e pós-graduação stricto sensu tem demonstrado o compromisso da UPE em estabelecer metas concretas para vencer desafios e fazer com que a Universidade possa contribuir decisivamente para o desenvolvimento econômico e social da região e geração do conhecimento. Considerando a busca pela qualidade da atividade de pesquisa e dos programas de formação de recursos humanos, é imprescindível a implantação de um laboratório com característica multidisciplinar, dotado de equipamentos que permitam a resolução de problemas de alta complexidade, tendo como premissa a redução de custo e favorecendo uma maior interação entre pesquisadores, estudantes de pós-graduação e iniciação científica. A infra-estrutura atualmente existente está principalmente voltada para estudos de biologia molecular, sendo necessário o desenvolvimento de outras áreas que surgiram recentemente com a aprovação de novos cursos de Pós-Graduação da UPE pela CAPES. Daí a importância da presente proposta para implantação do Laboratório multiusuário na área da saúde dotado de equipamentos que possibilitem a operação de uma central analít.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Taciana Furtado de Mendonça Belmont - Integrante / Patrícia Moura - Integrante / Maria do Socorro de Mendonça Cavalcanti - Coordenador / Maria Tereza Cartaxo Muniz - Integrante / Rosa Amália Fireman Dutra - Integrante / Ricardo Araes A Ximenes - Integrante / Eduardo Isidoro Carneiro Beltrão - Integrante / Rita de Cassia de Moura - Integrante / Demócrito de Barros Miranda Filho - Integrante / Maria da Conceição Andrade - Integrante / Divaldo de Almeida Sampaio - Integrante / Zulma Maria de Medeiros - Integrante / Luiz Eduardo Correia Miranda - Integrante / Marília de França Rocha - Integrante / Joaquim Celestino da Silva - Integrante / Márcia de Camargo Morais - Integrante / Wagner Prado - Integrante / Raphael M. R. Dias - Integrante / Irapuan Oliveira Pinheiro - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Bolsa / Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Auxílio financeiro.

  • 2008 - 2010

    INSTALAÇÃO DE LABORATÓRIO MULTIUSUÁRIOS PARA APOIAR PROJETOS DE PESQUISA NA ÁREA DE SAÚDE DA UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO, Descrição: : A Fundação Universidade de Pernambuco (UPE) é uma entidade pública mantida pelo erário estadual, criada pela Lei Estadual nº 10.518, de 29 de novembro de 1990, com base no Art. 186 da Constituição do Estado de Pernambuco e reconhecida pela Portaria Ministerial nº 964, de 12 de junho de 1991, com sede e foro na cidade do Recife e atuação em todo o território pernambucano, desenvolvendo suas atividades de ensino, pesquisa e extensão em oito campi (Santo Amaro; Benfica; Camaragibe; Nazaré da Mata; Garanhuns; Caruaru; de Salgueiro; Petrolina). Compõem ainda a UPE, três unidades de ensino e saúde (Hospital Universitário Oswaldo Cruz (HUOC), Centro Integrado de Saúde Amaury de Medeiros (CISAM), Pronto Socorro Cardiológico de Pernambuco (PROCAPE). A qualificação dos docentes aliada ao grande esforço de seus dirigentes na implantação de programas de iniciação científica, extensão e pós-graduação stricto sensu tem demonstrado o compromisso da UPE em estabelecer metas concretas para vencer desafios e fazer com que a Universidade possa contribuir decisivamente para o desenvolvimento econômico e social da região e geração do conhecimento. Considerando a busca pela qualidade da atividade de pesquisa e dos programas de formação de recursos humanos, é imprescindível a implantação de um laboratório com característica multidisciplinar, dotado de equipamentos que permitam a resolução de problemas de alta complexidade, tendo como premissa a redução de custo e favorecendo uma maior interação entre pesquisadores, estudantes de pós-graduação e iniciação científica. A infra-estrutura atualmente existente está principalmente voltada para estudos de biologia molecular, sendo necessário o desenvolvimento de outras áreas que surgiram recentemente com a aprovação de novos cursos de Pós-Graduação da UPE pela CAPES. Daí a importância da presente proposta para implantação do Laboratório multiusuário na área da saúde dotado de equipamentos que possibilitem a operação de uma central analít.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Taciana Furtado de Mendonça Belmont - Integrante / Patrícia Moura - Integrante / Maria do Socorro de Mendonça Cavalcanti - Coordenador / Maria Tereza Cartaxo Muniz - Integrante / Rosa Amália Fireman Dutra - Integrante / Ricardo Araes A Ximenes - Integrante / Eduardo Isidoro Carneiro Beltrão - Integrante / Rita de Cassia de Moura - Integrante / Demócrito de Barros Miranda Filho - Integrante / Maria da Conceição Andrade - Integrante / Divaldo de Almeida Sampaio - Integrante / Zulma Maria de Medeiros - Integrante / Luiz Eduardo Correia Miranda - Integrante / Marília de França Rocha - Integrante / Joaquim Celestino da Silva - Integrante / Márcia de Camargo Morais - Integrante / Wagner Prado - Integrante / Raphael M. R. Dias - Integrante / Irapuan Oliveira Pinheiro - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Bolsa.

  • 2008 - 2010

    INSTALAÇÃO DE LABORATÓRIO MULTIUSUÁRIOS PARA APOIAR PROJETOS DE PESQUISA NA ÁREA DE SAÚDE DA UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO, Descrição: : A Fundação Universidade de Pernambuco (UPE) é uma entidade pública mantida pelo erário estadual, criada pela Lei Estadual nº 10.518, de 29 de novembro de 1990, com base no Art. 186 da Constituição do Estado de Pernambuco e reconhecida pela Portaria Ministerial nº 964, de 12 de junho de 1991, com sede e foro na cidade do Recife e atuação em todo o território pernambucano, desenvolvendo suas atividades de ensino, pesquisa e extensão em oito campi (Santo Amaro; Benfica; Camaragibe; Nazaré da Mata; Garanhuns; Caruaru; de Salgueiro; Petrolina). Compõem ainda a UPE, três unidades de ensino e saúde (Hospital Universitário Oswaldo Cruz (HUOC), Centro Integrado de Saúde Amaury de Medeiros (CISAM), Pronto Socorro Cardiológico de Pernambuco (PROCAPE). A qualificação dos docentes aliada ao grande esforço de seus dirigentes na implantação de programas de iniciação científica, extensão e pós-graduação stricto sensu tem demonstrado o compromisso da UPE em estabelecer metas concretas para vencer desafios e fazer com que a Universidade possa contribuir decisivamente para o desenvolvimento econômico e social da região e geração do conhecimento. Considerando a busca pela qualidade da atividade de pesquisa e dos programas de formação de recursos humanos, é imprescindível a implantação de um laboratório com característica multidisciplinar, dotado de equipamentos que permitam a resolução de problemas de alta complexidade, tendo como premissa a redução de custo e favorecendo uma maior interação entre pesquisadores, estudantes de pós-graduação e iniciação científica. A infra-estrutura atualmente existente está principalmente voltada para estudos de biologia molecular, sendo necessário o desenvolvimento de outras áreas que surgiram recentemente com a aprovação de novos cursos de Pós-Graduação da UPE pela CAPES. Daí a importância da presente proposta para implantação do Laboratório multiusuário na área da saúde dotado de equipamentos que possibilitem a operação de uma central analít.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Taciana Furtado de Mendonça Belmont - Integrante / Patrícia Moura - Integrante / Maria do Socorro de Mendonça Cavalcanti - Coordenador / Maria Tereza Cartaxo Muniz - Integrante / Rosa Amália Fireman Dutra - Integrante / Ricardo Araes A Ximenes - Integrante / Eduardo Isidoro Carneiro Beltrão - Integrante / Rita de Cassia de Moura - Integrante / Demócrito de Barros Miranda Filho - Integrante / Maria da Conceição Andrade - Integrante / Divaldo de Almeida Sampaio - Integrante / Zulma Maria de Medeiros - Integrante / Luiz Eduardo Correia Miranda - Integrante / Marília de França Rocha - Integrante / Joaquim Celestino da Silva - Integrante / Márcia de Camargo Morais - Integrante / Wagner Prado - Integrante / Raphael M. R. Dias - Integrante / Irapuan Oliveira Pinheiro - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Bolsa.

  • 2008 - 2010

    INSTALAÇÃO DE LABORATÓRIO MULTIUSUÁRIOS PARA APOIAR PROJETOS DE PESQUISA NA ÁREA DE SAÚDE DA UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO, Descrição: : A Fundação Universidade de Pernambuco (UPE) é uma entidade pública mantida pelo erário estadual, criada pela Lei Estadual nº 10.518, de 29 de novembro de 1990, com base no Art. 186 da Constituição do Estado de Pernambuco e reconhecida pela Portaria Ministerial nº 964, de 12 de junho de 1991, com sede e foro na cidade do Recife e atuação em todo o território pernambucano, desenvolvendo suas atividades de ensino, pesquisa e extensão em oito campi (Santo Amaro; Benfica; Camaragibe; Nazaré da Mata; Garanhuns; Caruaru; de Salgueiro; Petrolina). Compõem ainda a UPE, três unidades de ensino e saúde (Hospital Universitário Oswaldo Cruz (HUOC), Centro Integrado de Saúde Amaury de Medeiros (CISAM), Pronto Socorro Cardiológico de Pernambuco (PROCAPE). A qualificação dos docentes aliada ao grande esforço de seus dirigentes na implantação de programas de iniciação científica, extensão e pós-graduação stricto sensu tem demonstrado o compromisso da UPE em estabelecer metas concretas para vencer desafios e fazer com que a Universidade possa contribuir decisivamente para o desenvolvimento econômico e social da região e geração do conhecimento. Considerando a busca pela qualidade da atividade de pesquisa e dos programas de formação de recursos humanos, é imprescindível a implantação de um laboratório com característica multidisciplinar, dotado de equipamentos que permitam a resolução de problemas de alta complexidade, tendo como premissa a redução de custo e favorecendo uma maior interação entre pesquisadores, estudantes de pós-graduação e iniciação científica. A infra-estrutura atualmente existente está principalmente voltada para estudos de biologia molecular, sendo necessário o desenvolvimento de outras áreas que surgiram recentemente com a aprovação de novos cursos de Pós-Graduação da UPE pela CAPES. Daí a importância da presente proposta para implantação do Laboratório multiusuário na área da saúde dotado de equipamentos que possibilitem a operação de uma central analít.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Taciana Furtado de Mendonça Belmont - Integrante / Patrícia Moura - Integrante / Maria do Socorro de Mendonça Cavalcanti - Coordenador / Maria Tereza Cartaxo Muniz - Integrante / Rosa Amália Fireman Dutra - Integrante / Ricardo Araes A Ximenes - Integrante / Eduardo Isidoro Carneiro Beltrão - Integrante / Rita de Cassia de Moura - Integrante / Demócrito de Barros Miranda Filho - Integrante / Maria da Conceição Andrade - Integrante / Divaldo de Almeida Sampaio - Integrante / Zulma Maria de Medeiros - Integrante / Luiz Eduardo Correia Miranda - Integrante / Marília de França Rocha - Integrante / Joaquim Celestino da Silva - Integrante / Márcia de Camargo Morais - Integrante / Wagner Prado - Integrante / Raphael M. R. Dias - Integrante / Irapuan Oliveira Pinheiro - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Bolsa.

  • 2008 - 2010

    INSTALAÇÃO DE LABORATÓRIO MULTIUSUÁRIOS PARA APOIAR PROJETOS DE PESQUISA NA ÁREA DE SAÚDE DA UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO, Descrição: : A Fundação Universidade de Pernambuco (UPE) é uma entidade pública mantida pelo erário estadual, criada pela Lei Estadual nº 10.518, de 29 de novembro de 1990, com base no Art. 186 da Constituição do Estado de Pernambuco e reconhecida pela Portaria Ministerial nº 964, de 12 de junho de 1991, com sede e foro na cidade do Recife e atuação em todo o território pernambucano, desenvolvendo suas atividades de ensino, pesquisa e extensão em oito campi (Santo Amaro; Benfica; Camaragibe; Nazaré da Mata; Garanhuns; Caruaru; de Salgueiro; Petrolina). Compõem ainda a UPE, três unidades de ensino e saúde (Hospital Universitário Oswaldo Cruz (HUOC), Centro Integrado de Saúde Amaury de Medeiros (CISAM), Pronto Socorro Cardiológico de Pernambuco (PROCAPE). A qualificação dos docentes aliada ao grande esforço de seus dirigentes na implantação de programas de iniciação científica, extensão e pós-graduação stricto sensu tem demonstrado o compromisso da UPE em estabelecer metas concretas para vencer desafios e fazer com que a Universidade possa contribuir decisivamente para o desenvolvimento econômico e social da região e geração do conhecimento. Considerando a busca pela qualidade da atividade de pesquisa e dos programas de formação de recursos humanos, é imprescindível a implantação de um laboratório com característica multidisciplinar, dotado de equipamentos que permitam a resolução de problemas de alta complexidade, tendo como premissa a redução de custo e favorecendo uma maior interação entre pesquisadores, estudantes de pós-graduação e iniciação científica. A infra-estrutura atualmente existente está principalmente voltada para estudos de biologia molecular, sendo necessário o desenvolvimento de outras áreas que surgiram recentemente com a aprovação de novos cursos de Pós-Graduação da UPE pela CAPES. Daí a importância da presente proposta para implantação do Laboratório multiusuário na área da saúde dotado de equipamentos que possibilitem a operação de uma central analít.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Taciana Furtado de Mendonça Belmont - Integrante / Patrícia Moura - Integrante / Maria do Socorro de Mendonça Cavalcanti - Coordenador / Maria Tereza Cartaxo Muniz - Integrante / Rosa Amália Fireman Dutra - Integrante / Ricardo Araes A Ximenes - Integrante / Eduardo Isidoro Carneiro Beltrão - Integrante / Rita de Cassia de Moura - Integrante / Demócrito de Barros Miranda Filho - Integrante / Maria da Conceição Andrade - Integrante / Divaldo de Almeida Sampaio - Integrante / Zulma Maria de Medeiros - Integrante / Luiz Eduardo Correia Miranda - Integrante / Marília de França Rocha - Integrante / Joaquim Celestino da Silva - Integrante / Márcia de Camargo Morais - Integrante / Wagner Prado - Integrante / Raphael M. R. Dias - Integrante / Irapuan Oliveira Pinheiro - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Bolsa / Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Auxílio financeiro.

  • 2008 - 2010

    INSTALAÇÃO DE LABORATÓRIO MULTIUSUÁRIOS PARA APOIAR PROJETOS DE PESQUISA NA ÁREA DE SAÚDE DA UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO, Descrição: : A Fundação Universidade de Pernambuco (UPE) é uma entidade pública mantida pelo erário estadual, criada pela Lei Estadual n 10.518, de 29 de novembro de 1990, com base no Art. 186 da Constituição do Estado de Pernambuco e reconhecida pela Portaria Ministerial n 964, de 12 de junho de 1991, com sede e foro na cidade do Recife e atuação em todo o território pernambucano, desenvolvendo suas atividades de ensino, pesquisa e extensão em oito campi (Santo Amaro; Benfica; Camaragibe; Nazaré da Mata; Garanhuns; Caruaru; de Salgueiro; Petrolina). Compõem ainda a UPE, três unidades de ensino e saúde (Hospital Universitário Oswaldo Cruz (HUOC), Centro Integrado de Saúde Amaury de Medeiros (CISAM), Pronto Socorro Cardiológico de Pernambuco (PROCAPE). A qualificação dos docentes aliada ao grande esforço de seus dirigentes na implantação de programas de iniciação científica, extensão e pós-graduação stricto sensu tem demonstrado o compromisso da UPE em estabelecer metas concretas para vencer desafios e fazer com que a Universidade possa contribuir decisivamente para o desenvolvimento econômico e social da região e geração do conhecimento. Considerando a busca pela qualidade da atividade de pesquisa e dos programas de formação de recursos humanos, é imprescindível a implantação de um laboratório com característica multidisciplinar, dotado de equipamentos que permitam a resolução de problemas de alta complexidade, tendo como premissa a redução de custo e favorecendo uma maior interação entre pesquisadores, estudantes de pós-graduação e iniciação científica. A infra-estrutura atualmente existente está principalmente voltada para estudos de biologia molecular, sendo necessário o desenvolvimento de outras áreas que surgiram recentemente com a aprovação de novos cursos de Pós-Graduação da UPE pela CAPES. Daí a importância da presente proposta para implantação do Laboratório multiusuário na área da saúde dotado de equipamentos que possibilitem a operação de uma central analít.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Taciana Furtado de Mendonça Belmont - Integrante / Patrícia Moura - Integrante / Maria do Socorro de Mendonça Cavalcanti - Coordenador / Maria Tereza Cartaxo Muniz - Integrante / Rosa Amália Fireman Dutra - Integrante / Ricardo Araes A Ximenes - Integrante / Eduardo Isidoro Carneiro Beltrão - Integrante / Rita de Cassia de Moura - Integrante / Demócrito de Barros Miranda Filho - Integrante / Maria da Conceição Andrade - Integrante / Divaldo de Almeida Sampaio - Integrante / Zulma Maria de Medeiros - Integrante / Luiz Eduardo Correia Miranda - Integrante / Marília de França Rocha - Integrante / Joaquim Celestino da Silva - Integrante / Márcia de Camargo Morais - Integrante / Wagner Prado - Integrante / Raphael M. R. Dias - Integrante / Irapuan Oliveira Pinheiro - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Bolsa / Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Auxílio financeiro.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Universidade de Pernambuco. , Rua Arnóbio Marques 310, Santo Amaro, 50100130 - Recife, PE - Brasil, Telefone: (81) 31833512, Fax: (81) 31833510

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

2018 - Atual

Hospital Universitário Oswaldo Cruz

Vínculo: coordenador de estudo clínico, Enquadramento Funcional: Coordenadora estudo clínico 54135419TRD3008, Carga horária: 20

Outras informações:
54135419TRD3008 - Estudo Aberto de Extensão, de Segurança a Longo Prazo da Escetamina Intranasal na Depressão Resistente a Tratamento

2016 - 2018

Hospital Universitário Oswaldo Cruz

Vínculo: coordenador de estudo clínico, Enquadramento Funcional: Coordenadora estudo clínico 54135419TRD3008, Carga horária: 20

Outras informações:
Protocolo ESKETINTRD3004 - Estudo Aberto, de Longo Prazo, da Segurança e Eficácia da Escetamina Intranasal na Depressão Resistente a Tratamento (SUSTAIN2)

2017 - Atual

Instituto Aggeu Magalhães

Vínculo: , Enquadramento Funcional:

2010 - Atual

Universidade de Pernambuco

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Pesquisador, Carga horária: 20

2009 - 2010

Universidade de Pernambuco

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Técnica de nível Superior, Carga horária: 40

2009 - 2010

Instituto de Ciências Biológicas - UPE

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Técnica de nível Superior, Carga horária: 40

2013 - 2014

Instituto do Fígado de Pernambuco

Vínculo: coordenador de estudo clínico, Enquadramento Funcional: Coordenadora do estudo clínico BIP-48, Carga horária: 20

Outras informações:
Nome do estudo: BIP48 (Peginterferon Alfa 2b 48kDa) Compared With Pegasys (Peginterferon 2a 40kDa) for Treatment of Chronic Hepatitis C (BIP48II/III) Objetivo: Demonstrar a não inferioridade de BIP48 (48 kDa peginterferão alfa-2b) em comparação com Pegasys (40 kDa peginterferão alfa-2a) associado com a ribavirina, em doentes não tratados previamente com hepatite C crónica Patrocinadores e Colaboradores: O Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos (Bio-Manguinhos) / Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) - Hospital de Clínicas de Porto Alegre

2018 - Atual

IFP-PE

Vínculo: coordenador de estudo clínico, Enquadramento Funcional: Coordenadora estudo clínico ACLARA, Carga horária: 10

Outras informações:
Fundação Europeia para o Estudo das Doenças Crônicas do Fígado (EF-CLIF) Consórcio Latino-Americano para o Estudo das Doenças Crônicas do Fígado (ACLF-ACLARA Consortium) Consórcio Europeu para o Estudo das Doenças Crônicas do Fígado (EF CLIF Consortium)

2013 - 2014

IFP-PE

Vínculo: consultoria, Enquadramento Funcional: Resp pelo diagnóstico molecular da Hepatite C, Carga horária: 15

Outras informações:
Responsável pelo diagnóstico molecular da Hepatite C e pelo laboratório de diagnóstico/pesquia

2013 - 2014

IFP-PE

Vínculo: consultoria, Enquadramento Funcional: Resp pelo diagnóstico molecular da Hepatite C, Carga horária: 15

Outras informações:
Responsável pelo diagnóstico molecular da Hepatite C e pelo laboratório de diagnóstico/pesquia