Luciana Alves de Oliveira

Pesquisadora A da Embrapa Mandioca e Fruticultura na área de Ciência e Tecnologia de Alimentos, com ênfase em Química, Física e Físico-Química dos Alimentos e das Matérias-Primas Alimentares. Desenvolve pesquisas com os temas análises físico-químicas e processamento principalmente de mandioca. Possui graduação em Engenharia Química pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1997), mestrado (1999) e doutorado (2003) em Engenharia Química pela Universidade Estadual de Campinas.

Informações coletadas do Lattes em 30/05/2022

Acadêmico

Formação acadêmica

Doutorado em Engenharia Química

1999 - 2003

Universidade Estadual de Campinas
Título: Fermentação extrativa de xilanase em sistemas de duas fases aquosas
Elias Basile Tambourgi. Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil. Palavras-chave: Sistema bifásico aquoso; Penicillium janthinellum; Polissacarídeo da goma do cajueiro; Produção de biomassa.Grande área: EngenhariasSetores de atividade: Outro.

Mestrado em Engenharia Química

1998 - 1999

Universidade Estadual de Campinas
Título: Caracterização do Sistema Bifásico Aquoso Polietileno Glicol/Goma do Cajueiro,Ano de Obtenção: 1999
Elias Basile Tambourgi.Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Palavras-chave: Tripsina; sistema de duas fases aquosas; Polissacarídeo da goma do cajueiro; Partição de proteína; Atividade enzimática.Grande área: Engenharias

Graduação em Engenharia Química

1993 - 1997

Universidade Federal do Rio de Janeiro
Título: Extração Enzimática do Óleo da Polpa de Tucumã
Orientador: Maria Alice Zarur Coelho

Curso técnico/profissionalizante em Técnico Em Alimentos

1987 - 1991

Escola Técnica Federal de Química

Formação complementar

2010 - 2010

Uso do programa genes na análise uni e multivariad. (Carga horária: 12h). , Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical, CNPMF, Brasil.

2010 - 2010

Teoria da cor e colorimetria aplicada aos alimento. (Carga horária: 4h). , Sociedade Brasileira de Ciência e Tecnologia de Alimentos, SBCTA, Brasil.

2010 - 2010

Análise univariada. (Carga horária: 16h). , Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical, CNPMF, Brasil.

2009 - 2009

Análise de agrupamento e componentes principais. (Carga horária: 16h). , Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical, CNPMF, Brasil.

2008 - 2008

Higiene e Manipulação de Alimentos em Estabelecime. (Carga horária: 4h). , Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical, CNPMF, Brasil.

2007 - 2007

Industrialização de frutas: aspectos técnicos, leg. (Carga horária: 8h). , Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical, CNPMF, Brasil.

2007 - 2007

Validação de Métodos Analíticos. (Carga horária: 16h). , Rede Baiana de Metrologia, RBME, Brasil.

2001 - 2001

Estrategias de Purificación de Biomolécules. (Carga horária: 80h). , Planta Piloto de Procesos Industriales Microbiologicos, PROIMI, Argentina.

2000 - 2000

Imobilização de Proteínas em Suportes Sólidos. (Carga horária: 80h). , Laboratório de Imunopatologia Keizo Asami, LIKA, Brasil.

1997 - 1997

Secagem de Produtos Agrícolas. , Coppe, COPPE, Brasil.

1991 - 1991

Curso Prático de Contaminação Microbiana de Água e. (Carga horária: 40h). , Universidade Gama Filho, UGF, Brasil.

1991 - 1991

Físico Química Aplicada Aos Alimentos. (Carga horária: 16h). , Centro Nacional de Pesquisa de Tecnologia Agroindustrial de Alimentos, EMBRAPA*, Brasil.

Idiomas

Bandeira representando o idioma Inglês

Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.

Áreas de atuação

Grande área: Ciências Agrárias / Área: Ciência e Tecnologia de Alimentos / Subárea: Ciência de Alimentos/Especialidade: Química, Física, Fisico-Química e Bioquímica dos Alim. e das Mat-Primas Alimentares.

Grande área: Engenharias / Área: Engenharia Química / Subárea: Processos Industriais de Engenharia Química/Especialidade: Processos Bioquímicos.

Participação em eventos

XVIII Congresso Brasileiro de Mandioca. Aproveitamento e valorização dos resíduos das agroindústrias de mandioca: geração de renda e sustentabilidade. 2021. (Congresso).

Seminário Internacional "Estratégias de Valorização de Produtos Agroalimentares". 2020. (Seminário).

XVII Congresso Brasileiro da Mandioca e no II Congresso Latino-Americano e Caribenho de Mandioca. ?Avaliação do tempo de cozimento de variedades de mandioca de mesa? e ?Teor de compostos cianogênicos em féculas de mandioca comercializadas em Cruz das Almas - BA?. 2018. (Congresso).

16 Congresso Brasileiro de Mandioca e 1 Congresso Latino-Americano e Caribenho de Mandioca. Composição química de acessos de mandioca da Embrapa Mandioca e Fruticultura. 2015. (Congresso).

X Workshop sobre tecnologias em agroindústrias de tuberosas tropicais.Caracterização de híbridos de mandioca de mesa. 2014. (Oficina).

XV Congresso Brasileiro de Mandioca. Processamento mínimo de mandioca de mesa. 2013. (Congresso).

XVI World Congress of Food Science and Technology. Selection of sweet cassava accessions with high content of carotenoids. 2012. (Congresso).

IV Reunião de Bioforticação no Brasil.Qualidade Nutricional - Retenção de Carotenoides em Mandioca. 2011. (Outra).

XIV Congresso Brasileiro de Mandioca. Inovações no setor de mandiocultura. 2011. (Congresso).

II Simpósio em Ciência e Tecnologia de Alimentos - I Congresso do Instituto Nacional de Frutos Tropicais. Avaliação do teor de compostos cianogênicos em híbridos de mandioca. 2010. (Congresso).

XXII Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos. Melhoramento visando a biofortificação e amidos raros. 2010. (Congresso).

III Reunião Anual de Biofortificação no Brasil.Avaliação e seleção de variedades coletadas da Amazônia e híbridos de mandioca com alto teor de carotenóides totais. 2009. (Outra).

XVI Encontro Nacional e II Congresso Latino-americano de Analistas de Alimentos. Caracterização de variedades de bananas resistentes à Sigatoka negra. 2009. (Congresso).

XXI Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos. Determinação das características físico químicas de variedades de tangerina do banco de germoplasma da Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropica. 2008. (Congresso).

1o Workshop - Segurança, Qualidade e Tecnologia de Alimentos para o cosumidor. 2007. (Oficina).

Segunda Reunião Anual dos Componentes dos Programas de Biofortificação HarvestPlus e Agrosalud no Brasil. 2007. (Outra).

XII Congresso Brasileiro de Mandioca. Composição físico-química de variedades de mandioca de mesa cultivadas no sistema orgânico. 2007. (Congresso).

XV Enaal e Congresso Latino Americano de Analistas de Alimentos. Teor de cianeto da variedade de mandioca Eucalipto cultivada com diferentes adubações. 2007. (Congresso).

XX Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos. Avaliação do Teor de Cianeto em Variedades de Mandioca (Maniht esculenta crantz) para Consumo na Forma de Chips. 2006. (Congresso).

XV Simpósio Nacional de Bioprocessos.Fermentação extrativa de xilanase utilizando sistema de duas fases aquosas. 2005. (Simpósio).

VI Seminário Brasileiro de Tecnologia Enzimática.Seleção das melhores condições para a produção de xilanase por Penicillium janthinellum em sistemas de duas fases aquosas. 2004. (Seminário).

XV Congresso Brasileiro de Engenharia Química. XV Congresso Brasileiro de Engenharia Química. 2004. (Congresso).

Simpósio Brasileiro sobre a Cultura da Mangaba. 2003. (Simpósio).

XIV Congresso Brasileiro de Engenharia Química. XIV Congresso Brasileiro de Engenharia Química. 2002. (Congresso).

XXXI Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Bioquímica e Biologia Molecular - SBBq. XXXI Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Bioquímica e Biologia Molecular - SBBq. 2002. (Congresso).

I Congresso Brasileiro da Sociedade Brasileira de Biotecnologia. I Congresso Brasileiro da Sociedade Brasileira de Biotecnologia. 2001. (Congresso).

XXX Reunião Anual Sociedade Brasileira de Bioquímica e Biologia Molecular-SBBq. XXX Reunião Anual Sociedade Brasileira de Bioquímica e Biologia Molecular-SBBq. 2001. (Congresso).

XXIX Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Bioquímica e Biologia Molecular-SBBq. XXIX Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Bioquímica e Biologia Molecular-SBBq. 2000. (Congresso).

XXVIII Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Bioquímica e Biologia Molecular-SBBq. XXVIII Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Bioquímica e Biologia Molecular-SBBq. 1999. (Congresso).

VI Encontro de Iniciação Científica em Engenharia Química do Rio de Janeiro. VI Encontro de Iniciação Científica em Engenharia Química do Rio de Janeiro. 1997. (Congresso).

Workshop Aproveitamento de Resíduos Agroindustriais.Workshop Aproveitamento de Resíduos Agroindustriais. EMBRAPA/CTAA. 1997. (Outra).

XIX Jornada de Iniciação Científica e IX Jornada de Iniciação Artística e Cultural da UFRJ. XIX Jornada de Iniciação Científica e IX Jornada de Iniciação Artística e Cultural da UFRJ. 1997. (Congresso).

I Congresso Latino Americano de Estudantes de Engenharia Química e VI Congresso Nacional de Estudantes de Engenharia Química. I Congresso Latino Americano de Estudantes de Engenharia Química e VI Congresso Nacional de Estudantes de Engenharia Química. 1996. (Congresso).

XVII Jornada Interna de Iniciação Científica e VII Jornada Interna de Iniciação Artística e Cultural da UFRJ. XVII Jornada Interna de Iniciação Científica e VII Jornada Interna de Iniciação Artística e Cultural da UFRJ. 1995. (Congresso).

XVI Jornada de Iniciação Científica e VI Jornada de Iniciação Artística e Cultural da UFRJ. XVI Jornada de Iniciação Científica e VI Jornada de Iniciação Artística e Cultural da UFRJ. 1994. (Congresso).

Participação em bancas

Aluno: Nathalia Aparecida Barbosa Lossolli

LEONEL, Magali; APARECIDO, Lucas Eduardo de Oliveira;OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE. Processamento de frutos de diferentes cultivares de manga para obtenção e caracterização dos amidos da polpa e da amêndoa. 2022. Dissertação (Mestrado em Agronomia (Energia na Agricultura)) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: SARITA BRITO E SILVA

CARDOSO, Ryzia de Cassia Vieira; PIROZI, Mônica Ribeiro;OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE. Saber-fazer e características tecnológicas de farinha de mandioca Copioba: estudo de caso, em São Felipe, Bahia. 2022. Dissertação (Mestrado em Ciência de Alimentos) - Universidade Federal da Bahia.

Aluno: Ynayara Joane de Melo Rodrigues

SOUZA, Carolina Oliveira de;OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE; MENEZES FILHO, José Antônio. Composição mineral, centesimal, parâmetros físico-químicos dos frutos de guajiru (Chrysobalanus icaco L.): relação com seus aspectos sensoriais. 2018. Dissertação (Mestrado em Ciência de Alimentos) - Universidade Federal da Bahia.

Aluno: Keila Gabrieli Matos dos Prazeres

OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE; SANTOS, Johnson Clay Pereira; CRUZ, Renato Souza. Extração e caracterização de amidos de feijão caupi (Vigna unguiculata L.) e mangalô (Lablab purpureus L.). 2018. Dissertação (Mestrado em Ciência de Alimentos) - Universidade Federal da Bahia.

Aluno: Paulo Henrique Gomes Alves de Oliveira

FERREIRA, C. F.; Silva, Simone Alves;OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE. Avaliação da endogamia e morfologia de grânulos de amido em progênies S1 de mandioca. 2017. Dissertação (Mestrado em Recursos Genéticos Vegetais) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.

Aluno: Olívia Reis Teixeira

Oliveira, Luciana Alves; Soares, Sérgio Eduardo; CRUZ, Renato Souza. Modificação de fécula de mandioca com ultrasson e radiação UV. 2016. Dissertação (Mestrado em Ciência de Alimentos) - Universidade Federal da Bahia.

Aluno: Leonardo Dib de Carvalho

Mamede, Maria Eugênia de Oliveira; Bispo, Eliete da Silva;OLIVEIRA, L. A.. Produção de geleia dietética de umbu-cajá (Spondias Sp): avaliação sensorial, física e físico-química". 2010. Dissertação (Mestrado em Ciência de Alimentos) - Universidade Federal da Bahia.

Aluno: Gutto Monzelle Rios Marques

SILVA, A. A. L.;REIS, R. C.OLIVEIRA, L. A.. Secagem de caldo de cana em leito de espuma e avaliação sensorial do produto. 2009. Dissertação (Mestrado em ENGENHARIA E CIÊNCIA DE ALIMENTOS) - Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia.

Aluno: José Torquato de Queiróz Tavares

DANTAS, A. C. V. L.; Gazetta, M.L.;OLIVEIRA, L. A.. Produção de fermentado alcoólico de cana, caracterização e avaliação do seu envelhecimento. 2009. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Agrárias) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.

Aluno: SARITA BRITO E SILVA

CARDOSO, Ryzia de Cassia Vieira; CARVALHO, CARLOS WANDERLEI PILER;OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE. Características físico-químicas e tecnológicas de farinhas de mandioca (Manihot esculenta Crantz) Copioba e comum: um estudo de caso. 2021. Exame de qualificação (Mestrando em Ciência de Alimentos) - Universidade Federal da Bahia.

Aluno: Keila Gabrieli Matos dos Prazeres

OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE; CRUZ, Renato Souza; SANTOS, Johnson Clay Pereira. Propriedades físico-químicas e funcionais de amido de feijão mangalô (Lablab purpureus L.). 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Ciência de Alimentos) - Universidade Federal da Bahia.

Aluno: Ynayara Joane de Melo Rodrigues

OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE; SOUZA, Carolina Oliveira de; MENEZES FILHO, José Antônio. Composição mineral, centesimal, parâmetros físico-químicos dos frutos de guajiru (Chrysobalanus icaco L.) e relação com seus aspectos sensoriais. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Ciência de Alimentos) - Universidade Federal da Bahia.

Aluno: Olívia Reis Teixeira

Soares, Sérgio Eduardo;OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE; CRUZ, Renato Souza. Efeitos do ultrassom e luz UV nas propriedades do amido de mandioca. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Ciência de Alimentos) - Universidade Federal da Bahia.

Aluno: Luise de Oliveira Sena

BATISTA, DANIELE DE VASCONCELLOS SANTOS;Oliveira, Luciana Alves; BARRETO, Suely Evangelista. Caracterização e estabilidade de biomassa de banana verde. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.

Aluno: Leonardo Franklin Lima da Silva

DANTAS, A. C. V. L.;VIANA, E. S.Oliveira, Luciana Alves. Avaliação do teor de compostos bioativos em diferentes genótipos de aceroleira. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.

Aluno: Antônio Mauth Pinheiro dos Santos Júnior

Costa, M. A. P. C.;Oliveira, Luciana Alves; Vieira, L. J.. Avaliação de clones de mandioca de mesa de raízes amarelas. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.

Vasconcelos, M. A.;OLIVEIRA, L. A.. Concurso público para o cargo de Pesquisador Classe A. 2010. Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária.

Oliveira, Luciana Alves. Avaliador Sessão Painel - Tema Processamento e Agroindústria no XV Congresso Brasileiro de Mandioca. 2013. Sociedade Brasileira de Mandioca.

ACCIOLY, A. M. A.; ANDRADE, E. C.; Dantas, J.L.L; DANTAS, A. C. V. L.;OLIVEIRA, L. A.OLIVEIRA, Givanildo Bezerra de. Avaliador na sessão de pôster na Reunião Regional da SBPC no Recôncavo da Bahia. 2011. Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.

OLIVEIRA, L. A.; DRUZIAN, J. I.; MIRANDA, M. P. S.. Exame de Qualificação da mestranda Luciane de Oliveira Pereira. 2009. Universidade Federal da Bahia.

ACCIOLY, A. M. A.;VIANA, E. S.OLIVEIRA, L. A.; OLIVEIRA, L. V.; SOUZA, S. P.. Conclusão de Estágio Probatório. 2009. Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical.

MIRANDA, M. P. S.; CARVALHO FILHO, C. D.;OLIVEIRA, L. A.. Exame de qualificação do mestrando Daniel Costa Ferreira. 2009. Universidade Federal da Bahia.

MEDINA, V. M.; RITZINGER, C. H. S. P.; FANCELLI, M.;OLIVEIRA, L. A.SILVA, J.; FERREIRA, C. F.; Dantas, J.L.L. Avaliador da III Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical. 2009. Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical.

VIANA, E. S.OLIVEIRA, L. A.SILVA, J.; ALMEIDA, O. A.; CABRAL, J. R. S.; Gazetta, M.L.. Avaliador da II Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical. 2008. Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical.

Comissão julgadora das bancas

Luiz Carlos Bertevello

BERTEVELLO, L. C.. Fermentação extrativa de xilanase em sistemas de duas fases aquosas. 2003. Tese (Doutorado em Engenharia Química) - Universidade Estadual de Campinas.

Karima Omar Hamdan

OLIVEIRA, A. C.; GUERRA, D. C. D.;HAMDAN, Karima. Questão de gênero: um estudo sobre a condição feminina na contemporaneidade. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Serviço Social) - Centro de Ensino Superior de Maringá.

Ana Paula Brescancini Rabelo

RABELO, A. P. B.. Fermentação Extrativa de Xilanase em Sistemas de Duas Fases Aquosas. 2003. Tese (Doutorado em Engenharia Química) - Universidade Estadual de Campinas.

Ana Paula Brescancini Rabelo

RABELO, A. P. B.. Seminários de Doutorado II. 2003. Exame de qualificação (Doutorando em Engenharia Química) - Universidade Estadual de Campinas.

GUILHERME DO VAL TOLEDO PRADO

Andrade, Ludmila Thomé de;Prado, G.V.T.; DIAS, R. E.. Saberes da formação continuada nos centros de estudos de professores alfabetizadores no município do Rio de Janeiro. 2012. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Sariza Oliveira Caetano Venâncio

CAETANO, S. O.; CAIXETA, Vera L.. Os rituais fúnebres na comunidade católica Vila Couto de Magalhães em Araguaína-TO. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal do Tocantins.

Orientou

Samuel Moreira Araújo

Caracterização do teor de amido resistente em produtos de mandioca; Início: 2022; Iniciação científica (Graduando em Engenharia Florestal) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; (Orientador);

Joyce Cardoso Barbosa

Perfil de viscosidade do amido extraído de diferentes clones de mandioca; Início: 2021; Iniciação científica (Graduando em Nutrição) - Faculdade Maria Milza, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; (Orientador);

Palmira de Jesus Neta

Caracterização do teor de amilose em híbridos de mandioca; Início: 2021; Iniciação científica (Graduando em Engenharia Florestal) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; (Orientador);

Ravena Rocha Bessa de Carvalho

Fenotipagem de alto rendimento para características relacionadas à qualidade de raízes de mandioca; 2018; Dissertação (Mestrado em Ciências Agrárias) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Coorientador: Luciana Alves de Oliveira;

Fernanda Alves Santana

Estudos genéticos do germoplasma de mandioca (Manihot esculenta Crantz) para qualidade da raiz; 2014; Dissertação (Mestrado em Recursos Genéticos Vegetais) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Coorientador: Luciana Alves de Oliveira;

Daniel Costa Ferreira

Avaliação do teor de compostos cianogênicos e identificação dos pontos críticos de controle químico no processamento da massa puba; 2010; Dissertação (Mestrado em Ciência de Alimentos) - Universidade Federal da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Coorientador: Luciana Alves de Oliveira;

Daniele de Almeida Nunes

Perfil de viscosidade do amido extraído de clones de mandioca; 2021; Iniciação Científica; (Graduando em Nutrição) - Faculdade Maria Milza, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Gleidson Santos Teixeira

Estudo do teor de amido resistente em clones de mandioca em diferentes idades; 2020; Iniciação Científica; (Graduando em Farmácia) - Faculdade Maria Milza, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Palmira de Jesus Neta

Caracterização da propriedade de pasta e composição do amido de diferentes genótipos de mandioca; 2020; Iniciação Científica; (Graduando em Engenharia Florestal) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Maria Celma Boaventura Cavalcante

Avaliação do teor de e carotenoides totais e compostos cianogênicos em híbridos de mandioca; 2020; Iniciação Científica; (Graduando em Nutrição) - Faculdade Maria Milza, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Paulo Américo Matos Almeida

Perfil de viscosidade e teor de fósforo do amido extraído de quatro genótipos de mandioca em diferentes idades; 2019; Iniciação Científica; (Graduando em Farmácia) - Faculdade Maria Milza, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Palmira de Jesus Neta

Caracterização do teor de amilose, pH e acidez do amido extraído de quatro genótipos de mandioca em diferentes idades; 2019; Iniciação Científica; (Graduando em Engenharia Florestal) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Arcson Sousa Do Nascimento

Avaliação do teor de compostos cianogênicos em folhas de mandioca em diferentes idades de colheita; 2018; Iniciação Científica; (Graduando em Nutrição) - Faculdade Maria Milza, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Arcson Sousa Do Nascimento

Determinação do teor de compostos cianogênicos e carotenoides totais em híbridos de mandioca; 2018; Iniciação Científica; (Graduando em Nutrição) - Faculdade Maria Milza, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Palmira de Jesus Neta

Caracterização do teor de ácido fítico e amilose aparente de clones de mandioca de mesa contrastantes quanto ao cozimento; 2018; Iniciação Científica; (Graduando em Engenharia Florestal) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Palmira de Jesus Neta

Caracterização do amido de clones de mandioca de mesa em diferentes épocas de colheita; 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Engenharia Florestal) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Naiara Santos Assis Eloy

Caracterização físico-química de clones de mandioca; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Farmácia) - Faculdade Maria Milza, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

PAULO JACKSON NUNES MENEZES

Compostos cianogênicos e carotenoides totais em híbridos de mandioca; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Farmácia) - Faculdade Maria Milza, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Josemara Ferreira dos Santos

Caracterização físico-química de clones de mandioca de mesa contrastantes quanto ao cozimento; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Vivian dos Santos Souza

Caracterização do amido de clones de mandioca de mesa contrastantes quanto ao cozimento; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

CHARLES MACHADO DA SILVEIRA

Caracterização físico-química de clones de mandioca de mesa em diferentes tempos de colheita; ; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Farmácia) - Faculdade Maria Milza, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Iara Pereira Fonseca

Seleção de acessos de mandioca do banco ativo de germoplasma com propriedade de pasta diferencial e maiores teores de amilose ou amilopectina; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Farmácia) - Faculdade Maria Milza, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Josemara Ferreira dos Santos

Avaliação da qualidade para o consumo fresco de clones de mandioca em diferentes idades de colheita; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Vivian dos Santos Souza

Avaliação do teor de carotenoides totais e compostos cianogênicos em híbridos de mandioca; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Vivian dos Santos Souza

Avaliação da composição química de variedades de mandioca; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Hannah Miranda Santana

Avaliação da retenção de carotenoides totais em Snack de mandioca; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Iara Pereira Fonseca

Seleção de acessos de mandioca do banco ativo de germoplasma com propriedade de pasta diferencial e maiores teores de amilose ou amilopectina; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Enfermagem) - Faculdade Maria Milza, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Josemara Ferreira dos Santos

Avaliação da qualidade para o consumo fresco de clones de mandioca amarela em diferentes idades de colheita; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Fiama Lara Cambuy Viana

Composição química de acessos de mandioca; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Farmácia) - Faculdade Maria Milza, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Allana de Oliveira Santos

Seleção de acessos de mandioca do banco ativo de germoplasma com maiores teores de amilose e amilopectina; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Farmácia) - Faculdade Maria Milza, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Hannah Miranda Santana

Seleção de acessos de mandioca para características diferenciais de amido; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Antonio Uilian Rebouças Fiuza

Avaliação do conteúdo de carotenoides totais e compostos cianogênicos em híbridos amarelos de mandioca; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Agroecologia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Josemara Ferreira dos Santos

Caracterização físico-química de mandioca; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Luana Ferreira dos Santos

Caracterização físico-química de mandioca; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Francisco Joaquim Barbosa Peixoto

Caracterização físico-química de mandioca; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

João Felipe Moura da Silva

Caracterização físico-química de mandioca; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Agroecologia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Allana de Oliveira Santos

Caracterização da composição do amido de acessos de mandioca do banco ativo de germoplasma; 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Farmácia) - Faculdade Maria Milza, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Allana de Oliveira Santos

Avaliação da composição do amido de acessos de mandioca do banco ativo de germoplasma; 2011; Iniciação Científica; (Graduando em Farmácia) - Faculdade Maria Milza, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Soraia Machado da Silveira

Seleção de híbridos de mandioca com elevados teores de carotenoides totais; 2011; Iniciação Científica; (Graduando em Farmácia) - Faculdade Maria Milza, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Deyse Maria de Souza Silveira

Caracterização físico-química de mandioca e derivados; 2011; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Antonio Uilian Rebouças Fiuza

Composição química da mandioca e farinha de raspa; 2011; Iniciação Científica; (Graduando em Tecnólogo em Agroecologia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Soraia Machado da Silveira

Avaliação do conteúdo de carotenoides totais e compostos cianogênicos em híbridos de mandioca; 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Farmácia) - Faculdade Maria Milza, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Fernanda Alves Santana

Avaliação da composição química de variedades de banana resistentes à Sigatoka negra; 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Allana de Oliveira Santos

Teor de carotenoides em híbridos de mandioca; 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Farmácia) - Faculdade Maria Milza, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Wilton de Jesus dos Santos

Composição química e processamento de banana, mamão e mandioca; 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Engenharia de Alimentos) - Universidade Estadual de Feira de Santana, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Fernanda Alves Santana

Avaliação físico-química de bananas resistentes à Sigatoka negra; 2009; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Soraia Machado da Silveira

Avaliação do conteúdo de carotenoides totais em híbridos de mandioca; 2009; Iniciação Científica; (Graduando em Farmácia) - Faculdade Maria Milza, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Fernanda Alves Santana

Caracterização físico-química de polpa de mamão e tangerina de diferentes variedades; 2008; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Daniele de Vasconcellos Santos

Avaliação sensorial e composição físico-química de variedades de aipim orgânico; 2007; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Fernanda Alves Santana

Seleção de híbridos de mandioca com elevados teores de carotenóides totais; 2007; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Erasto Viana Silva Gama

Avaliação de Variedades de Aipim para Consumo de Mesa; 2006; Iniciação Científica; (Graduando em Engenharia Agronômica) - Universidade Federal da Bahia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Daniele de Vasconcellos Santos

Avaliação sensorial e físico-química de variedades de aipim para consumo de mesa; 2006; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Cristiane Vieira Bomfim

Otimização da produção de xilanase por Penicillium janthinellum no sistema de duas fases aquosas composto de polietilenoglicol e polissacarídeo da goma de cajueiro; 2004; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Farmácia) - Universidade Tiradentes, Fundação de Amparo a Pesquisa de Sergipe; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Gabrielle Mendes Lima

Fermentação extrativa de xilanase por Penicillium janthinellum em sistema de duas fases aquosas; 2004; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Farmácia) - Universidade Tiradentes, Fundação de Amparo a Pesquisa de Sergipe; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Emilli Victória Muniz Pereira

Determinação do teor de carotenoides de acessos do banco ativo de germoplasma; 2020; Orientação de outra natureza; (Ensino médio) - Colégio Estadual Luciano Passos, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Marcele Pereira Silva

Avaliação da composição química de raízes de mandioca; 2018; Orientação de outra natureza; (Ensino médio) - Colégio Estadual Luciano Passos, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Adriana Pinto das Virgens

Avaliação do teor de amilose e amilopectina de clones de mandioca contrastantes com relação ao cozimento; 2018; Orientação de outra natureza; (Técnico de Agroindústria) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Baiano; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Márcia Cleide Mendes Conceição

Caracterização do teor de amilose e amilopectina de acessos do banco ativo de germoplasma de mandioca; 2018; Orientação de outra natureza; (Técnico de Agroindústria) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Baiano; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Nicoly Conceição da Rocha

Avaliação da composição físico-química da mandioca; 2018; Orientação de outra natureza; (Técnico de Agroindústria) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Baiano; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Ana Paula Peres Ferreira

Perfil de viscosidade do amido em acessos de mandioca; 2016; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Centro Territorial de Educação Profissional do Recôncavo, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Leidiane Ribeiro Santana

Viscosidade aparente do amido de acessos de mandioca; 2016; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Centro Territorial de Educação Profissional do Recôncavo, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Maria Carolina Santos de Melo Silva

Caracterização química de genótipos de mandioca; 2014; Orientação de outra natureza; (Ensino médio) - Escola Estadual Doutor Luciano Passos, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Cátia Cilene Conceição Bibiano

Composição química de híbridos de mandioca; 2014; Orientação de outra natureza; (Técnico em Alimentos) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Baiano, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Cleonilson Santana de Oliveira

Avaliação do teor de carotenoides totais em híbridos de mandioca; 2014; Orientação de outra natureza; (Técnico em Alimentos) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Baiano, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Nátaly Jessie Mato Grosso Lima Santos

Composição química de híbridos de mandioca; 2014; Orientação de outra natureza; (Técnico em Alimentos) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Baiano, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Lavinia da Silva Cardoso Machado

Avaliação do teor de carotenoides totais em híbridos de mandioca; 2014; Orientação de outra natureza; (Técnico em Alimentos) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Baiano, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Ingrid Ferreira Galio

Caracterização da composição do amido de acessos de mandioca do banco ativo de germoplasma; 2014; Orientação de outra natureza; (Técnico em Alimentos) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Baiano, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Milian Oliveira de Souza

Caracterização da composição do amido de acessos de mandioca do banco ativo de germoplasma; 2014; Orientação de outra natureza; (Técnico em Alimentos) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Baiano, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Bianca Ferreira da Silva

Análise do teor de carotenoides totais em mandioca; 2013; Orientação de outra natureza; (Ensino médio) - Colégio Estadual Landulfo Alves de Almeida, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Tainara Monteiro de Souza

Composição química de acessos de mandioca; 2013; Orientação de outra natureza; (Nível médio) - Centro Educacional Cruzalmense, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Thaís de Oliveira Bastos

Avaliação da composição do amido de mandioca; 2013; Orientação de outra natureza; (Nível médio) - Centro Educacional Cruzalmense, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Láira do Amaral Oliveira da Silva

Avaliação da qualidade do amido de mandioca; 2013; Orientação de outra natureza; (Ensino médio) - Colégio Estadual Luciano Passos, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Mariana Fonseca dos Santos

Análise físico-química de mandioca; 2012; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Colégio Estadual Alberto Torres; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Tânia Vila Verde Bury

Avaliação da composição de acessos de mandioca; 2012; Orientação de outra natureza - Colégio Estadual Alberto Torres; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Tiala Santana Santos

Avaliação do teor de compostos cianogênicos e carotenoides totais de híbridos de mandioca amarelos; 2011; Orientação de outra natureza; (Nível médio) - Centro Educacional Cruzalmense, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Palmira Jesus Neta

Composição química e processamento de mandioca; 2011; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Colégio Estadual Alberto Torres, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Esequiel Oliveira Reis Junior

Análises do teor de carotenoides totais e compostos cianogênicos em mandioca; 2010; Orientação de outra natureza; (Nível médio) - Colégio Estadual Alberto Torres, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Greziane de Oliveira Neves

Atributos de qualidade de bananas resistentes à Sigatoka negra; 2010; Orientação de outra natureza; (Ensino médio) - Colégio Estadual Dr; Lauro Passos, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Camila Nunes Dias

Avaliação do conteúdo de carotenoides totais e compostos cianogênicos em híbridos de mandioca; 2010; Orientação de outra natureza; (Ensino médio) - Escola Estadual Doutor Lauro Passos, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Jaqueline Silva Santos

Caracterização físico-química de mandioca; 2009; Orientação de outra natureza; (Nível médio) - Centro Educacional Cruzalmense, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Juliana Soares Santana da Silva

Análise da composição de carotenoides totais em mandioca; 2009; Orientação de outra natureza; (Nível médio) - Centro Educacional Cruzalmense, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Rosilene Conceição Vieira Vaz

Caracterização físico-química de frutas tropicais e mandioca; 2009; Orientação de outra natureza; (Nível médio) - Colégio Estadual Alberto Torres, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Larissa Rodrigues Silveira Leal

Avaliação do teor de compostos cianogênicos de híbridos de mandioca; 2009; Orientação de outra natureza; (Farmácia) - Faculdade Maria Milza, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Jeovana de Oliveira Cerqueira

Composição química de variedades de mandioca e banana; 2009; Orientação de outra natureza; (Ensino médio) - Colégio Estadual Luciano Passos, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Beatriz Sacramento Oliveira

Avalição do conteúdo de carotenoides totais em híbridos de mandioca; 2008; Orientação de outra natureza; (Ensino médio) - Colégio Cruz das Almas, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Lilian Borges da Silva

Caracterização físico-química de mandioca e tangerina; 2008; Orientação de outra natureza; (Engenharia de Alimentos) - Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Larissa Rodrigues Silveira Leal

Avaliação físico-química de frutas tropicais; 2008; Orientação de outra natureza; (Farmácia) - Faculdade Maria Milza; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Emerson Lopes de Souza

Análise físico-química de bebidas a base de leite de soja e amido de mandioca; 2007; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Escola Agrotécnica Federal de Senhor do Bonfim; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Edson José Soares da Silva

Análises físico-químicas de alimentos; 2007; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Escola Agrotécnica Federal de Senhor do Bonfim; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Maurício José Lima Reis

Análises físico-químicas de alimentos; 2007; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Escola Agrotécnica Federal de Senhor do Bonfim; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Danila Fercundes dos Santos

Seleção de híbridos de mandioca com elevados teores de carotenóides totais; 2007; Orientação de outra natureza; (Ensino médio) - Colégio Estadual Landulfo Alves de Almeida, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

João Jose da Silva Junior

Composição do teor de compostos cianogênicos em híbridos de mandioca; 2006; Orientação de outra natureza; (Agronomia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Édilla Ribeiro dos Santos

Caracterização físico-química de aipim orgânico; 2006; Orientação de outra natureza; (Agronomia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Érika Ribeiro de Souza

Caracterizção físico-química de variedades amarelas de mandioca; 2006; Orientação de outra natureza; (Agronomia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Edna Silva Fonseca

Avaliação química de variedades de aipim; 2006; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Escola de Educação Básica e Profissional Fundação Bradesco; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Mariza Alves Ferreira

Avaliação físico-química de chips de mandioca; 2006; Orientação de outra natureza; (Agronomia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia; Orientador: Luciana Alves de Oliveira;

Foi orientado por

Karima Omar Hamdan

Questão de gênero: Um estudo sobre a condição feminina na Contemporaneidade; 2010; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Serviço Social) - Faculdade Estadual de Educação Ciências e Letras de Paranavaí; Orientador: Karima Omar Hamdan;

Karima Omar Hamdan

Questao de Genero: um estudo sobre a condicao feminina na contemporaneidade; 2009; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Serviço Social) - Centro de Ensino Superior de Maringá; Orientador: Karima Omar Hamdan;

Produções bibliográficas

  • DE CARVALHO, RAVENA ROCHA BESSA ; MARMOLEJO CORTES, DIEGO FERNANDO ; BANDEIRA E SOUSA, MASSAINE ; DE OLIVEIRA, LUCIANA ALVES ; DE OLIVEIRA, EDER JORGE . Image-based phenotyping of cassava roots for diversity studies and carotenoids prediction. PLoS One , v. 17, p. e0263326-1, 2022.

  • SANTOS, CRISTIANO SILVA DOS ; SOUSA, MASSAINE BANDEIRA ; BRITO, ANA CARLA ; DE OLIVEIRA, LUCIANA ALVES ; CARVALHO, CARLOS WANDERLEI PILER ; DE OLIVEIRA, EDER JORGE . Genome-wide association study of cassava starch paste properties. PLoS One , v. 17, p. e0262888-1, 2022.

  • REIS, Ronielli Cardoso ; OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; ALMEIDA, JAMILLE MOTA ; JESUS NETA, PALMIRA DE ; SANTOS, FABRINE DIAS ; SANTOS, Vanderlei da Silva ; CRUZ, Renato Souza . Culinary quality and sensory profile of cassava varieties harvested at different ages. SEMINA. CIÊNCIAS AGRÁRIAS (ONLINE) , v. 42, p. 657-678, 2021.

  • OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; REIS, Ronielli Cardoso ; VIANA, Eliseth de Souza ; SANTOS, JOSEMARA FERREIRA DOS ; SOUZA, Vivian dos Santos ; ASSIS, Jaciene Lopes de Jesus ; SASAKI, Fabiana Fumi Cerqueira ; SANTOS, Vanderlei da Silva . Effect of the storage period on physical-chemical characteristics, microbiological composition and sensory acceptance of two varieties of frozen sweet cassava. Brazilian Journal of Food and Technology , v. 24, p. 1-13, 2021.

  • TORKAMAN, P. ; VEIGA, M.M. ; DE ANDRADE LIMA, L.R.P. ; OLIVEIRA, L.A. ; MOTTA, J.S. ; Jesus, J.L. ; LAVKULICH, L.M. . Leaching gold with cassava: An option to eliminate mercury use in artisanal gold mining. JOURNAL OF CLEANER PRODUCTION , v. 311, p. 127531, 2021.

  • SANTOS, Thaís Barbosa dos ; CARVALHO, C. W. P. ; OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; OLIVEIRA, EDER JORGE DE ; VILLAS-BOAS, Flávia ; FRANCO, C. M. L. ; CHÁVEZ, Davy William Hidalgo . Functionality of cassava genotypes for waxy starch. PESQUISA AGROPECUÁRIA BRASILEIRA (ONLINE) , v. 56, p. 1-10, 2021.

  • RODRIGUES, Laís Maciel ; OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; CAMILLOTO, Geany Peruch ; CRUZ, Renato Souza . Caracterização da textura das raízes de mandioca in natura e cozidas e analise da composição centesimal. Brazilian Journal of Development , v. 6, p. 69259-69269, 2020.

  • OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; REIS, Ronielli Cardoso ; SANTANA, HANNAH MIRANDA ; SANTOS, Vanderlei da Silva ; CARVALHO, JOSÉ LUIZ VIANA DE . Development and sensorial acceptance of biofortified cassava snack. SEMINA. CIÊNCIAS AGRÁRIAS (ONLINE) , v. 38, p. 3579-3590, 2017.

  • SILVA, VALDIR C. ; OLIVEIRA, LUCIANA A. DE ; LACERDA, MAIRA DOS S.C. ; PIMENTEL, LUCIANO A. ; SANTOS, WILES S. ; MACÊDO, JULIANA TARGINO S.A. E ; RIET-CORREA, FRANKLIN ; PEDROSO, PEDRO M.O. . Experimental poisoning by cassava wastewater in sheep. PESQUISA VETERINARIA BRASILEIRA , v. 37, p. 1241-1246, 2017.

  • GODOY, ROSSANA CATIE BUENO DE ; WASZCZYNSKJ, Nina ; SANTANA, FERNANDA ALVES ; SILVA, Sebastião de Oliveira e ; OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; SANTOS, GUILHERME GODOY DOS . Physico-chemical characterization of banana varieties resistant to black leaf streak disease for industrial purposes. Ciência Rural , v. 46, p. 1514-1520, 2016.

  • OLIVEIRA, EDER JORGE DE ; SANTANA, FERNANDA ALVES ; OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; SANTOS, VANDERLEI DA SILVA . Genotypic variation of traits related to quality of cassava roots using affinity propagation algorithm. Scientia Agricola (USP. Impresso) , v. 72, p. 53-61, 2015.

  • OLIVEIRA, E.J. ; Santana, F.A. ; OLIVEIRA, L.A. ; SANTOS, V.S. . Genetic parameters and prediction of genotypic values for root quality traits in cassava using REML/BLUP. GENETICS AND MOLECULAR RESEARCH , v. 13, p. 6683-6700, 2014.

  • Mamede, Maria Eugênia de Oliveira ; Carvalho, L.D. ; VIANA, E. S. ; Oliveira, Luciana Alves ; SOARES FILHO, W. S. ; Ritzinger, R. . Production of Dietetic Jam of Umbu-Caja (Spondias sp.): Physical, Physicochemical and Sensorial Evaluations. FOOD AND NUTRITION SCIENCES , v. 04, p. 461-468, 2013.

  • VIANA, E. S. ; Oliveira, Luciana Alves ; Andrade, M. V. S. ; Fonseca, M. D. ; Silveira, S. M. ; Amorim, Edson Perito . PHYSICO-CHEMICAL EVALUATION OF FRUIT OF IMPROVED BANANA CULTIVARS IN BRAZIL BY MULTIVARIATE ANALYSIS. Acta Horticulturae , p. 301-308, 2013.

  • GODOY, R. C. B. ; WASZCZYNSKYJ, N. ; SANTANA, F. A. ; Silva, S.O. ; SOUSA NETO, M. A. ; Oliveira, Luciana Alves ; LEDO, C. A. S . BANANA CULTIVARS WITH RESISTANCE TO BLACK LEAF STREAK AND POTENTIAL FOR JAM PROCESSING. Acta Horticulturae , p. 309-318, 2013.

  • OLIVEIRA, EDER JORGE ; RESENDE, MARCOS DEON VILELA ; SILVA SANTOS, VANDERLEI ; FERREIRA, CLÁUDIA FORTES ; OLIVEIRA, GILMARA ALVARENGA FACHARDO ; SILVA, MAIANE SUZARTE ; Oliveira, Luciana Alves ; AGUILAR-VILDOSO, CARLOS IVAN . Genome-wide selection in cassava. Euphytica (Dordrecht. Online) , v. 187, p. 263-276, 2012.

  • OLIVEIRA, L. A. ; Kimura, M. ; Pereira, M.E.C. ; Fukuda, W. M. G. ; Silveira Jr, Pedro Belchior . Avaliação do conteúdo de carotenóides e compostos cianogênicos em híbridos de mandioca. RAT - Revista Raízes e Amidos Tropicais , v. 5, p. 805-809, 2009.

  • OLIVEIRA, L. A. ; VIANA, E. S. ; SILVA, J. ; AMORIM, T. S. . Qualidade físico-química, microbiológica e culinária de mandioca Dourada orgânica minimamente processada. RAT - Revista Raízes e Amidos Tropicais , v. 5, p. 952-956, 2009.

  • OLIVEIRA, L. A. ; Kimura, M. ; Fukuda, W. M. G. ; Silveira Jr, Pedro Belchior ; AMORIM, T. S. ; SANTOS, V.S. . Seleção de acessos coletados na Amazônia e híbridos de mandioca com elevado teor de carotenóides. RAT - Revista Raízes e Amidos Tropicais , v. 5, p. 957-961, 2009.

  • VIANA, E. S. ; AMORIM, T. S. ; OLIVEIRA, L. A. ; REINHARDT, D. H. ; Silveira, F.G.F. ; Santana, F.A. ; SANTANA, P. N. . PHYSICOCHEMICAL CHARACTERISTICS OF MINIMALLY PROCESSED 'PÉROLA' PINEAPPLES TREATED WITH EDIBLE COATINGS. Acta Horticulturae , p. 291-298, 2009.

  • SARUBBO, L. A. ; CAMPOS-TAKAKI, G. M. ; PORTO, A. L. F. ; TAMBOURGI, E.B. ; OLIVEIRA, L. A. . A goma do cajueiro (Anacardium occidentale L.) como sistema inovador de extração líquido-líquido. EXACTA (ONLINE) , v. 5, p. 145-154, 2008.

  • TAMBOURGI, Elias Basile ; SARUBBO, L A ; OLIVEIRA, L. A. ; LIMA-FILHO, J. L. ; PORTO, A. L. F. ; CAMPOSTAKAKI, G. M. ; Liu, B. ; Knill, C. J. ; KENNEDY, J. F. . Enzyme Partitioning Using PEG-Anacardium occidentale L. Exudate Gum Polysaccharide Aqueous Two-Phase Systems. Journal of Biological Sciences (Faisalabad) , v. 8, p. 288-297, 2008.

  • OLIVEIRA, L. A. ; GODOY, R. C. B. ; SANTOS, D. V. ; AMORIM, T. S. ; SANTOS, E. R. ; WASZCZYNSKYJ, N. ; SILVA, J. . Avaliação sensorial de palitos de aipim elaborados com diferentes variedades. RAT - Revista Raízes e Amidos Tropicais , v. 3, p. 76-79, 2007.

  • OLIVEIRA, L. A. ; AMORIM, Tatiane Silva ; BATISTA, DANIELE DE VASCONCELLOS SANTOS ; SILVA, J. . Composição físico-química de variedades de mandioca de mesa cultivadas no sistema orgânico. RAT - Revista Raízes e Amidos Tropicais , v. 3, p. 72-75, 2007.

  • OLIVEIRA, L. A. ; PORTO, A. L. F. ; TAMBOURGI, Elias Basile . Production of xylanase and protease by Penicillium janthinellum CRC 87M-115 from different agricultural wastes. Bioresource Technology , v. 97, p. 862-867, 2006.

  • SARUBBO, L. A. ; OLIVEIRA, L. A. ; PORTO, A. L. F. ; CAMPOS-TAKAKI, G. M. ; TAMBOURGI, E.B. . Studies of efficiency in a perforated rotating disc contactor using a polymer-polymer aqueous two-phase systems. Brazilian Journal of Chemical Engineering (Impresso) , v. 22, n.3, p. 489-493, 2005.

  • SARUBBO, L A ; OLIVEIRA, L. A. ; PORTO, A. L. F. ; CAMPOSTAKAKI, G M ; TAMBOURGI, E B . Partition of proteins in aqueous two-phase systems based on Cashew-nut tree gum and poly(ethylene glycol). Brazilian Archives of Biology and Technology (Impresso) , Brasil, v. 47, n.5, p. 685-691, 2004.

  • OLIVEIRA, L. A. ; BARROS NETO, Benício ; PORTO, A. L. F. ; TAMBOURGI, Elias Basile . Extractive Cultivation of Xylanase by Penicillium janthinellum in a Poly(ethylene glycol)/Cashew-Nut Tree Gum Aqueous Two-Phase System. Biotechnology Progress (Print) , v. 20, p. 1880-1884, 2004.

  • SARUBBO, L A ; OLIVEIRA, L. A. ; PORTO, A. L. F. ; LIMA-FILHO, J. L. ; CAMPOS-TAKAKI, G. M. ; TAMBOURGI, Elias Basile . Performance of a perforated rotating disc contactor in the continuous extraction of a protein using the PEG-cashew-nut tree gum aqueous two-phase system. Biochemical Engineering Journal , v. 16, p. 221-227, 2003.

  • OLIVEIRA, L. A. ; SARUBBO, L A ; PORTO, A. L. F. ; LIMA-FILHO, J. L. ; CAMPOS-TAKAKI, G. M. ; TAMBOURGI, Elias Basile . Physical and rheological characterisation of polyethylene glycol-cashew-nut tree gum aqueous two-phase systems. Journal of Chromatography. B (Print) , v. 766, p. 27-36, 2002.

  • OLIVEIRA, L. A. ; SARUBBO, L A ; PORTO, A. L. F. ; CAMPOS-TAKAKI, G. M. ; TAMBOURGI, Elias Basile . Partition of trypsin in aqueous two-phase systems of poly(ethylene glycol) and cashew-nut tree gum. Process Biochemistry (1991) , Inglaterra, v. 38, n.5, p. 693-699, 2002.

  • SARUBBO, L A ; OLIVEIRA, L. A. ; PORTO, A. L. F. ; DUARTE, H. S. ; CARNEIRO-LEÃO, A. M. A. ; LIMA-FILHO, J. L. ; CAMPOS-TAKAKI, G. M. ; TAMBOURGI, Elias Basile . New aqueous two-phase system based on cashew-nut tree gum and poly(ethylene glycol). Journal of Chromatography. Biomedical applications (Print). (Cessou em 1993. Cont. 1572-6495 Journal of Chromatography. B, Biomedical Sciences and App , USA, v. 743, p. 79-84, 2000.

  • SARUBBO, L. A. ; OLIVEIRA, L. A. ; VIEIRA, L. F. D. F. ; PORTO, A. L. F. ; TAMBOURGI, Elias Basile ; CAMPOS-TAKAKI, G. M. . Partição de albumina de soro bovino em um novo sistema bifásico aquoso constituído por goma de cajueiro e polietileno glicol. Revista Symposium, Recife, v. Ano 3, p. 39-43, 1999.

  • OLIVEIRA, L. A. ; SILVA, G. R. ; SERVULO, E. F. C. ; COELHO, M. A. Z. ; FREITAS, S. P. . Estrazione acquosa enzimatica dell'olio di polpa di tucumã. Rivista Italiana delle Sostanze Grasse , Itália, v. 76, p. 587-590, 1999.

  • OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; MOTTA, Joselito da Silva ; JESUS, Jaciene Lopes ; SASAKI, Fabiana Fumi Cerqueira ; VIANA, E. S. . Processing of sweet and bitter cassava. 1. ed. Brasília: Embrapa, 2020. 64p .

  • OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; MOTTA, Joselito da Silva ; JESUS, Jaciene Lopes ; SASAKI, Fabiana Fumi Cerqueira ; VIANA, E. S. . Processamento de aipim e mandioca-brava. 1. ed. Brasília: Embrapa, 2019. 64p .

  • OLIVEIRA, L. A. . Manual de Laboratório - Análises Físico-químicas de frutas e mandioca,. 1. ed. Cruz das Almas: Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical, 2010. 248p .

  • ALVES, Alfredo Augusto Cunha ; OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; MOTTA, Joselito da Silva . Transferring cassava processing technology from Brazil to Africa. In: Graham Thiele; Michael Friedmann; Hugo Campos; Vivian Polar; Jeffery W. Bentley. (Org.). Root, tuber and banana food system innovations. 1ed.: Springer, 2022, v. , p. 207-239.

  • SANTOS, W. J. ; OLIVEIRA, L. A. ; SILVEIRA, D. M. S. ; SANTOS, V.S. ; ANDRADE, M. V. S. ; AMORIM, T. S. ; CARVALHO, J. L. V. . Avaliação do teor de carotenoides totais e compostos cianogênicos em chips de mandioca e farinha de raspa. In: XIV Congresso Brasileiro de Mandioca, 2011, Maceió. XIV Congresso Brasileiro de Mandioca, 2011. p. 1-5.

  • SANTOS, A. O. ; OLIVEIRA, L. A. ; Jesus, J.L. ; SANTANA, F. A. ; SANTOS, V.S. ; Oliveira, E. J. . Caracterização da composição do amido de acessos de mandioca. In: XIV Congresso Brasileiro de Mandioca, 2011, Maceió. XIV Congresso Brasileiro de Mandioca, 2011. p. 1-5.

  • Silveira, S. M. ; OLIVEIRA, L. A. ; Kimura, M. ; SANTOS, V.S. ; Sousa, Mabel Ribeiro ; Fonseca, M. D. . Avaliação do conteúdo de carotenoides totais e compostos cianogênicos em híbridos de mandioca das gerações 2007 e 2008. In: XIV Congresso Brasileiro de Mandioca, 2011, Maceió. XIV Congresso Brasileiro de Mandioca, 2011. p. 1-6.

  • GODOY, R. C. B. ; WASZCZYNSKYJ, N. ; SANTANA, F. A. ; Silva, S.O. ; OLIVEIRA, L. A. . Physical-chemical characterization of banana varieties resistant to black-sigatoka for industrial purposes. In: XIX Reunión internacional ACORBAT 2010, 2010, Medellín. XIX Reunión internacional ACORBAT 2010, 2010. p. 425-428.

  • DELIZA, R. ; GODOY, R. C. B. ; AZEREDO, H. M. C. ; SANTOS, D. V. ; OLIVEIRA, L. A. ; ALVES, P. L. S. ; FELBERG, I. . Bebidas a base de soja e frutas tropicais: ela são apreciadas pelo consumidor?. In: Simpósio Brasileiro de Análise Sensorial, 2007, Campinas. Simpósio Brasileiro de Análise Sensorial, 2007. p. 1-6.

  • LIMA, Gabrielle Mendes ; BOMFIM, Cristiane Vieira ; Schrank, S.G. ; OLIVEIRA, L. A. . Fermentação extrativa de xilanase utilizando sistema de duas fases aquosas. In: XV Simpósio Nacional de Bioprocessos, 2005, Recife. Anais do XV Simpósio Nacional de Bioprocessos, 2005. p. 1-7.

  • FUKUDA, W. G. ; OLIVEIRA, L. A. ; GAMA, E. V. S. ; AMORIM, T. S. ; GODOY, R. C. B. ; SILVA JUNIOR, J. J. ; SANTOS, D. V. . Chips de mandioca elaborados com diferentes variedades e processos. In: XI Congresso Brasileiro de Mandioca, 2005, Campo Grande. Anais do XI Congresso Brasileiro de Mandioca, 2005. p. 1-4.

  • OLIVEIRA, L. A. ; OLIVEIRA, Givanildo Bezerra de ; TAMBOURGI, Elias Basile ; BARROS NETO, Benício . Produção de xilanase por Penicillium janthinellum em sistemas de duas fases. In: XV Congresso Brasileiro de Engenharia Química, 2004, Curitiba, 2004. p. 1-7.

  • OLIVEIRA, L. A. ; OLIVEIRA, Givanildo Bezerra de ; TAMBOURGI, Elias Basile ; BARROS NETO, Benício . Seleção das melhores condições para a produção de xilanase por Penicillium janthinellum. In: XV Congresso Brasileiro de Engenharia Química, 2004, Curitiba, 2004. p. 1-8.

  • OLIVEIRA, L. A. ; PORTO, A. L. F. ; TAMBOURGI, Elias Basile . Produção de xilanase por Penicillium janthinellum em diferentes resíduos agroindustriais. In: XIV Congresso Brasileiro de Engenharia Química, 2002, Natal, 2002. p. 1-5.

  • SARUBBO, L A ; OLIVEIRA, L. A. ; PORTO, A. L. F. ; CAMPOS-TAKAKI, G. M. ; TAMBOURGI, Elias Basile . Eficiência de extração de uma coluna de discos perfurados rotativos utilizando um sistema bifásico aquoso polímero-polímero. In: XIV Congresso Brasileiro de Engenharia Química, 2002, Natal. XIV Congresso Brasileiro de Engenharia Química, 2002. p. 1-6.

  • SCHIRATO, G. V. ; OLIVEIRA, L. A. ; TAMBOURGI, Elias Basile ; LIMA-FILHO, J. L. ; PORTO, A. L. F. . Produção de xilanase por fermentação extrativa do P. janthinellum em sistema bifásico aquoso constituído por polietileno glicol e polissacarídeo da goma do cajueiro (POLICAJU). In: I Congresso da Sociedade Brasileira de Biotecnologia, 2001, São Paulo, 2001. p. 1-10.

  • OLIVEIRA, L. A. ; PORTO, A. L. F. ; TAMBOURGI, Elias Basile . Produção de xilanase extracelular em meio de sabugo de milho hidrolisado por Penicillim janthinellum. In: I Congresso Brasileiro da Sociedade Brasileira de Biotecnologia, 2001, São Paulo. Anais do I Congresso Brasileiro da Sociedade Brasileira de Biotecnologia, 2001. p. 1-8.

  • MAIA, M. M. D. ; LIMA, M. M. F. ; MAIA, P. F. C. M. D. ; OLIVEIRA, L. A. ; LIMA-FILHO, J. L. . Immobilisation of Saccharomyces cerevisiae cells on sugar cane bagasse: bioreactor application on sucrose inversion. In: I Congresso Brasileiro da Sociedade Brasileira de Biotecnologia, 2001, São Paulo, 2001. p. 1-9.

  • MARTINS, D. B. G. ; OLIVEIRA, L. A. ; NOGUEIRA, A. C. F. ; ARAÚJO, M. M. S. ; LIMA-FILHO, J. L. . Single cell protein production using Kluyveromyces marxianus and Saccharomyces cerevisiae grown in residues from sucrose-rich syrup factory. In: I Congresso Brasileiro da Sociedade Brasileira de Biotecnologia, 2001, São Paulo, 2001. p. 1-13.

  • ANDRADE, V. S. ; OLIVEIRA, L. A. ; BARROS NETO, Benício ; CAMPOSTAKAKI, G. M. . Micélio de Mucor javanicus como fonte de astaxantina: um planejamento fatorial fracionário 2 (7-3). In: I Congresso Brasileiro da Sociedade Brasileira de Biotecnologia, 2001, São Paulo. Congresso Brasileiro da Sociedade Brasileira de Biotecnologia, 2001. p. 1-6.

  • SARUBBO, L A ; OLIVEIRA, L. A. ; PORTO, A. L. F. ; CAMPOS-TAKAKI, G. M. ; TAMBOURGI, Elias Basile . Properties of PEG-Cashew-nut tree gum aqueous biphasic system: influence of temperature. In: 8 th International Chemical Engineering Conference, 2001, Aveiro. 8 th International Chemical Engineering Conference - CHEMPOR'2001, 2001. v. 1. p. 613-619.

  • SARUBBO, L A ; PORTO, A. L. F. ; OLIVEIRA, L. A. ; TAMBOURGI, E.B. ; CAMPOS-TAKAKI, G. M. . Extraction of biopolymers from Candida lipolytica using aqueous two-phase system. In: The Fourth Italian Conference on Chemical and Process Engineering, 1999, Florence. ICheaP-4, The Fourth Italian Conference on Chemical and Process Engineering, 1999. v. 1. p. 361-364.

  • PORTO, A. L. F. ; SARUBBO, L. A. ; OLIVEIRA, L. A. ; VIEIRA, L. F. D. F. ; LIMA-FILHO, J. L. ; TAMBOURGI, E.B. . Mass transfer and separation efficiency studies using a perforated rotating disc contactor. In: The Fourth Italian Conference on Chemical and Process Engineering, 1999, Florence. ICheaP-4, The Fourth Italian Conference on Chemical and Process Engineering, 1999. v. 1. p. 493-496.

  • PORTO, A. L. F. ; SARUBBO, L. A. ; OLIVEIRA, L. A. ; VIEIRA, L. F. D. F. ; LIMA-FILHO, J. L. ; TAMBOURGI, E.B. . Behaviour of proteins in continuous extraction with aqueous two-phase system.. In: The Fourth Italian Conference on Chemical and Process Engineering, 1999, Florence. ICheaP-4, The Fourth Italian Conference on Chemical and Process Engineering, 1999. v. 1. p. 507-510.

  • SOUZA, Vivian dos Santos ; OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE . Teor de compostos cianogênicos em féculas de mandioca comercializadas em Cruz das Almas - BA. In: XVII Congresso Brasileiro de Mandioca e o II Cogresso Latino-Americano Caribenho de Mandioca, 2018, Belém. Anais XVII Congresso Brasileiro de Mandioca: II Congresso Latino-americano e Caribenho de Mandioca. Cruz das Almas: Sociedade Brasileira de Mandioca : SEDAP - Secretaria de Desenvolvimento Agropecuário e da Pesca, 2018. p. 477-480.

  • OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; RANGEL, M. A. S. ; RINGENBERG, Rudiney ; SILVEIRA, H. F. ; BORTOLETTO, A. C. ; JESUS NETA, P. . Avaliação do tempo de cozimento de variedades de mandioca de mesa. In: XVII Congresso Brasileiro de Mandioca e o II Cogresso Latino-Americano Caribenho de Mandioca, 2018, Belém. Anais XVII Congresso Brasileiro de Mandioca: II Congresso Latino-americano e Caribenho de Mandioca. Cruz das Almas: Sociedade Brasileira de Mandioca: SEDAP - Secretaria de Desenvolvimento Agropecuário e da Pesca, 2018. p. 516-518.

  • Oliveira, Luciana Alves ; CARVALHO, J. L. V. ; REIS, Ronielli Cardoso ; SANTOS, Vanderlei da Silva ; SANTANA, H. M. ; Jesus, J.L. ; PACHECO, S. ; NASCIMENTO, Luzimar da Silva de Matttos do . Retenção de -caroteno em snacks de mandioca. In: V Reunião de Biofortificação no Brasil, 2015, São Paulo. Anais da V Reunião de Biofortificação no Brasil. Brasília: Embrapa, 2015. p. 29-31.

  • ALVES, R. M. V. ; Oliveira, Luciana Alves ; ITO, D. ; PACHECO, S. ; CARVALHO, J. L. V. . Determinação da vida de prateleira em chips de mandioca biofortificada. In: V Reunião de Biofortificação no Brasil, 2015, São Paulo. Anais da V Reunião de Biofortificação no Brasil. Brasília: Embrapa, 2015. p. 94-98.

  • SILVA, Dreid de Cerqueira Silveira da ; Oliveira, Luciana Alves ; PEIXOTO, Francisco Joaquim Barbosa ; SANTOS, Vanderlei da Silva ; Oliveira, E. J. ; LEDO, Carlos Alberto da Silva . Qualidade da raiz de híbridos entre espécies silvestres de Manihot e cultivares de mandioca. In: 16 Congresso Brasileiro de Mandioca e 1 Congresso Latino-Americano e Caribenho de Mandioca, 2015, Foz do Iguaçu. Anais do 16 Congresso Brasileiro de Mandioca e 1 Congresso Latino-Americano e Caribenho de Mandioca, 2015. p. 1-4.

  • Oliveira, Luciana Alves ; SANTOS, Luana Ferreira dos ; Oliveira, E. J. ; SILVA, Daiane Jesus da . Composição química de acessos de mandioca da Embrapa Mandioca e Fruticultura. In: 16 Congresso Brasileiro de Mandioca e 1 Congresso Latino-Americano e Caribenho de Mandioca, 2015, Foz do Iguaçu. Anais do 16 Congresso Brasileiro de Mandioca e 1 Congresso Latino-Americano e Caribenho de Mandioca, 2015. p. 1-4.

  • SANTANA, H. M. ; Oliveira, Luciana Alves ; REIS, Ronielli Cardoso ; SANTOS, Vanderlei da Silva . Avaliação sensorial de snacks elaborados com raízes de quatro clones de mandioca de polpa amarela. In: 16 Congresso Brasileiro de Mandioca e 1 Congresso Latino-Americano e Caribenho de Mandioca, 2015, Foz do Iguaçu. Anais do 16 Congresso Brasileiro de Mandioca e 1 Congresso Latino-Americano e Caribenho de Mandioca, 2015. p. 1-4.

  • SANTANA, H. M. ; Oliveira, Luciana Alves ; SANTOS, Vanderlei da Silva . Avaliação da retenção de carotenoides totais em snacks elaborados com quatro clones de mandioca. In: 16 Congresso Brasileiro de Mandioca e 1 Congresso Latino-Americano e Caribenho de Mandioca, 2015, Foz do Iguaçu. Anais do 16 Congresso Brasileiro de Mandioca e 1 Congresso Latino-Americano e Caribenho de Mandioca, 2015. p. 1-4.

  • Oliveira, Luciana Alves ; SANTOS, Vanderlei da Silva ; SOUZA, Vivian dos Santos ; SANTOS, J. F. ; SILVA, Daiane Jesus da . Teores de carotenoides totais e compostos cianogênicos em híbridos de mandioca. In: 16 Congresso Brasileiro de Mandioca e 1 Congresso Latino-Americano e Caribenho de Mandioca, 2015, Foz do Iguaçu. Anais do 16 Congresso Brasileiro de Mandioca e 1 Congresso Latino-Americano e Caribenho de Mandioca, 2015. p. 1-4.

  • CAMPOS, A. C. M. G. ; ITO, D. ; CARVALHO, J. L. V. ; Oliveira, Luciana Alves ; PACHECO, S. ; ALVES, R. M. V. . Influência da embalagem na vida de prateleira de chips. In: 13 Congresso Brasileiro de Polímeros, 2015, Natal. Anais do 13 Congresso Brasileiro de Polímeros, 2015. p. 1-5.

  • SANTOS, Vanderlei da Silva ; OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE . Avaliação participativa de clones de mandioca de mesa. In: Reunião de Biofortificação no Brasil, 2015, São Paulo. Anais da V Reunião de Biofortificação no Brasil, 2015. p. 140-143.

  • SANTOS, A. O. ; FIUZA, A. U. R. ; Oliveira, Luciana Alves ; SANTANA, H. M. ; SANTOS, V.S. ; Oliveira, E. J. . Avaliação de clones de mandioca (Manihot esculenta Crantz) em seis épocas de colheita. In: XV Congresso Brasileiro de Mandioca, 2013, Salvador. XV Congresso Brasileiro de Mandioca, 2013. p. 1-5.

  • SANTOS, A. O. ; Oliveira, Luciana Alves ; FONSECA, I. P. ; VIANA, F. L. C. ; Oliveira, E. J. ; SANTOS, V.S. . Características físico-químicas de acessos de germoplasma de mandioca (Manihot esculenta Crantz). In: XV Congresso Brasileiro de Mandioca, 2013, Salvador. XV Congresso Brasileiro de Mandioca, 2013. p. 1-5.

  • Silveira, S. M. ; Oliveira, Luciana Alves ; SANTOS, V.S. ; SANTOS, W. J. ; SANTOS, A. O. ; CARVALHO, J. L. V. . Avaliação do teor de carotenoides totais e compostos cianogênicos em farinha de raspa de mandioca (Manihot esculenta Crantz). In: XV Congresso Brasileiro de Mandioca, 2013, Salvador. XV Congresso Brasileiro de Mandioca, 2013. p. 1-5.

  • Silveira, S. M. ; Oliveira, Luciana Alves ; SANTOS, V.S. ; SANTOS, W. J. ; SANTOS, A. O. ; CARVALHO, J. L. V. . Avaliação da retenção de carotenoides totais em mandioca (Manihot esculenta Crantz) cozida. In: XV Congresso Brasileiro de Mandioca, 2013, Salvador. XV Congresso Brasileiro de Mandioca, 2013. p. 1-4.

  • SALES, A. C. ; SANTOS, V.S. ; SAMPAIO FILHO, J. S. ; CAMPOS, M. C. ; SANTOS JUNIOR, A. M. P. ; Oliveira, Luciana Alves . Avaliação dos grânulos de amido em plantas de mandioca (Manihot esculenta Crantz) provenientes de autofecundação. In: XV Congresso Brasileiro de Mandioca, 2013, Salvador. XV Congresso Brasileiro de Mandioca, 2013. p. 1-5.

  • RIBEIRO, R. N. S. ; COELHO FILHO, M. A. ; LEDO, C. A. S. ; Oliveira, Luciana Alves ; ROCHA, J. S. . Matéria seca e amido em genótipos de mandioca de mesa (Manihot esculenta Crantz) cultivados sob sistema irrigado e de sequeiro. In: XV Congresso Brasileiro de Mandioca, 2013, Salvador. XV Congresso Brasileiro de Mandioca, 2013. p. 1-5.

  • RIBEIRO, R. N. S. ; COELHO FILHO, M. A. ; LEDO, C. A. S. ; Oliveira, Luciana Alves ; ROCHA, J. S. . Matéria seca e amido em genótipos de mandioca (Manihot esculenta Crantz) de mesa irrigado. In: XV Congresso Brasileiro de Mandioca, 2013, Salvador. XV Congresso Brasileiro de Mandioca, 2013. p. 1-5.

  • OLIVEIRA, EDER JORGE ; SANTOS, V.S. ; Oliveira, Luciana Alves . Endogamia e características produtivas em germoplasma de mandioca. In: Congresso Brasileiro de Recursos Genéticos, 2012, Brasília. Congresso Brasileiro de Recursos Genéticos, 2012. p. 1-4.

  • Silveira, S. M. ; OLIVEIRA, L. A. ; Kimura, M. ; SANTOS, V.S. ; Fonseca, M. D. ; ANDRADE, M. V. S. ; SANTOS, A. O. ; SANTOS, W. J. ; SILVEIRA, D. M. S. ; Sousa, Mabel Ribeiro ; AMORIM, T. S. . Avaliação do conteúdo de carotenoides e compostos cianogênicos em híbridos de mandioca da geração 2008. In: IV Reunião de Bioforticação no Brasil, 2011, Teresina. IV Reunião de Bioforticação no Brasil, 2011. p. 1-4.

  • SANTOS, W. J. ; OLIVEIRA, L. A. ; SILVEIRA, D. M. S. ; Silveira, S. M. ; SANTOS, V.S. ; Fonseca, M. D. ; ANDRADE, M. V. S. ; SANTOS, A. O. ; Sousa, Mabel Ribeiro ; Jesus, J.L. ; AMORIM, T. S. ; CARVALHO, J. L. V. . Avaliação do teor de carotenoides totais e compostos cianogênicos em farinha de raspa. In: IV Reunião de Bioforticação no Brasil, 2011, Teresina. IV Reunião de Bioforticação no Brasil, 2011. p. 1-4.

  • ALVES, R. M. V. ; ITO, D. ; CARVALHO, J. L. V. ; OLIVEIRA, L. A. ; PACHECO, S. ; MOREIRA, C. Q. ; Sousa, Mabel Ribeiro . Melhoramento de mandioca para aumento do teor de betacaroteno. In: IV Reunião de Bioforticação no Brasil, 2011, Teresina. IV Reunião de Bioforticação no Brasil, 2011. p. 1-4.

  • ALVES, R. M. V. ; ITO, D. ; CARVALHO, J. L. V. ; OLIVEIRA, L. A. ; PACHECO, S. ; GOZZA, A. C. ; Jesus, J.L. . Influência do acondicionamento na retenção de betacaroteno em chips de mandioca biofortificada. In: IV Reunião de Bioforticação no Brasil, 2011, Teresina. IV Reunião de Bioforticação no Brasil, 2011. p. 1-4.

  • ALVES, R. M. V. ; ITO, D. ; CARVALHO, J. L. V. ; OLIVEIRA, L. A. ; PACHECO, S. ; MOREIRA, C. Q. ; Sousa, Mabel Ribeiro . Influência do acondicionamento na retenção de betacaroteno em farinha de raspa de mandioca biofortificada. In: IV Reunião de Bioforticação no Brasil, 2011, Teresina. IV Reunião de Bioforticação no Brasil, 2011. p. 1-4.

  • OLIVEIRA, L. A. ; Leal, Larissa Rodrigues Silveira ; Silveira, Ana Paula Pereira ; Sousa, Mabel Ribeiro ; Jesus, J.L. ; SANTOS, V.S. . Avaliação do teor de compostos cianogênicos em híbridos de mandioca. In: II Simpósio em Ciência e Tecnologia de Alimentos - I Congresso do Instituto Nacional de Frutos Tropicais, 2010, Aracaju. II Simpósio em Ciência e Tecnologia de Alimentos - I Congresso do Instituto Nacional de Frutos Tropicais, 2010. p. 1-4.

  • SANTANA, F. A. ; OLIVEIRA, L. A. ; VIANA, E. S. ; Lima, V.P. ; Amorim, Edson Perito ; Silva, S.O. . Avaliação físico-química de frutos de bananeiras com resistência a sigatoka negra. In: II Simpósio em Ciência e Tecnologia de Alimentos - I Congresso do Instituto Nacional de Frutos Tropicais, 2010, Aracaju. II Simpósio em Ciência e Tecnologia de Alimentos - I Congresso do Instituto Nacional de Frutos Tropicais, 2010. p. 1-4.

  • Fonseca, M. D. ; OLIVEIRA, L. A. ; SANTOS, V.S. ; AMORIM, T. S. ; Gomes, Belo Gomes ; Silveira, S. M. . Estudo do conteúdo de carotenoides e compostos cianogênicos em híbridos de mandioca da família 2007. In: II Simpósio em Ciência e Tecnologia de Alimentos - I Congresso do Instituto Nacional de Frutos Tropicais, 2010, Aracaju. II Simpósio em Ciência e Tecnologia de Alimentos - I Congresso do Instituto Nacional de Frutos Tropicais, 2010. p. 1-4.

  • Fonseca, M. D. ; OLIVEIRA, L. A. ; VIANA, E. S. ; Amorim, Edson Perito ; Silva, S.O. ; Silveira, S. M. . Avaliação do conteúdo de carotenoides e da cor em variedade de bananas. In: II Simpósio em Ciência e Tecnologia de Alimentos - I Congresso do Instituto Nacional de Frutos Tropicais, 2010, Aracaju. II Simpósio em Ciência e Tecnologia de Alimentos - I Congresso do Instituto Nacional de Frutos Tropicais, 2010. p. 1-4.

  • SANTANA, F. A. ; OLIVEIRA, L. A. ; VIANA, E. S. ; Sousa, Mabel Ribeiro ; AMORIM, T. S. ; Amorim, Edson Perito . Comparação das características físico-químicas de frutos de diferentes genotipos de bananeiras. In: XXI Congresso Brasileiro de Fruticultura, 2010, Natal. XXI Congresso Brasileiro de Fruticultura, 2010. p. 1-4.

  • SANTANA, F. A. ; OLIVEIRA, L. A. ; VIANA, E. S. ; Silveira, S. M. ; Sousa, Mabel Ribeiro ; Amorim, Edson Perito . Avaliação da cor dos frutos de diferentes genótipos de bananeiras por colorimetro digital. In: XXI Congresso Brasileiro de Fruticultura, 2010, Natal. XXI Congresso Brasileiro de Fruticultura, 2011. p. 1-4.

  • OLIVEIRA, L. A. ; GODOY, R. C. B. ; AMORIM, T. S. ; SANTOS, D. V. . Caracterização de bebidas a base de leite de soja e polpa de frutas tropicais. In: XVI Encontro Nacional e II Encontro Latino-Americano de Analistas de Alimentos, 2009, Belo Horizonte. XVI Encontro Nacional e II Encontro Latino-Americano de Analistas de Alimentos, 2009. p. 1-3.

  • OLIVEIRA, L. A. ; GODOY, R. C. B. ; AMORIM, T. S. . Composição físico-química de doces de frutas elaborados em escala artesanal. In: XVI Encontro Nacional e II Encontro Latino-Americano de Analistas de Alimentos, 2009, Belo Horizonte. XVI Encontro Nacional e II Encontro Latino-Americano de Analistas de Alimentos, 2009. p. 1-3.

  • VIANA, E. S. ; OLIVEIRA, L. A. ; Sousa, Mabel Ribeiro ; Silveira, Ana Paula Pereira ; Lima, V.P. ; Amorim, Edson Perito . Caracterização de variedades de bananas resistentes à Sigatoka negra. In: XVI Encontro Nacional e II Encontro Latino-Americano de Analistas de Alimentos, 2009, Belo Horizonte. XVI Encontro Nacional e II Encontro Latino-Americano de Analistas de Alimentos, 2009. p. 1-3.

  • VIANA, E. S. ; OLIVEIRA, L. A. ; Sousa, Mabel Ribeiro ; Silveira, Ana Paula Pereira ; Leal, Larissa Rodrigues Silveira ; Gomes, Belo Gomes . Caracterização de frutos de umbu-cajazeira para consumo in natura e processado. In: XVI Encontro Nacional e II Congresso Latino-Americano de Analistas de Alimentos, 2009, Belo Horizonte. XVI Encontro Nacional e II Congresso Latino-Americano de Analistas de Alimentos, 2009. p. 1-3.

  • SANTANA, F. A. ; OLIVEIRA, L. A. ; VIANA, E. S. ; AMORIM, T. S. ; PASSOS, O. S. ; SOARES FILHO, W. S. . Caracterização físico-química de variedades de tangerina provenientes do banco ativo de germoplasma de Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical. In: III Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical, 2009, Cruz das Almas. III Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical, 2009. p. 1-5.

  • Vaz, R. C. V. ; OLIVEIRA, L. A. ; Fukuda, W. M. G. . Avaliação de teor de carotenoides totais em híbridos de mandioca e acessos coletados na Amazônia. In: III Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical, 2009, Cruz das Almas. III Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical, 2009. p. 1-5.

  • Gomes, Belo Gomes ; VIANA, E. S. ; OLIVEIRA, L. A. ; Carvalho, L.D. ; SOARES FILHO, W. S. ; Ritzinger, R. . Avaliação da cor e do conteúdo de carotenoides em frutos de acessos de umbu-cajazeira. In: III Jornada de Iniciação Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical, 2009, Cruz das Almas. III Jornada de Iniciação Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical, 2009. p. 1-4.

  • Gomes, Belo Gomes ; VIANA, E. S. ; OLIVEIRA, L. A. ; Sousa, Mabel Ribeiro ; SOARES FILHO, W. S. ; Ritzinger, R. . Estudo comparativo de características físicas e físico-químicas de frutos de umbu-cajazeira. In: III Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical, 2009, Cruz das Almas. III Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical, 2009. p. 1-4.

  • Silveira, Ana Paula Pereira ; VIANA, E. S. ; OLIVEIRA, L. A. ; AMORIM, T. S. ; Lima, V.P. . Deteminação da cor em variedades melhoradas de banana. In: III Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical, 2009, Cruz das Almas. III Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical, 2009. p. 1-4.

  • Leal, Larissa Rodrigues Silveira ; OLIVEIRA, L. A. ; Fukuda, W. M. G. ; AMORIM, T. S. . Avaliação do teor de compostos cianogênicos de híbridos de mandioca e acessos coletados na Amazônia. In: III Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical, 2009, Cruz das Almas. III Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical, 2009. p. 1-5.

  • Lucena, R.S. ; Oliveira, E. J. ; DIAS, F. P. M. ; Motta. T.B.N. ; Lima, D.S. ; MACHADO, M. D. ; OLIVEIRA, L. A. ; VIANA, E. S. ; Dantas, J.L.L . Avaliação dos teores de vitamina c no germoplasma de mamoeiro. In: Congresso Brasileiro de Melhoramento de Plantas, 2009, Guarapari. Congresso Brasileiro de Melhoramento de Plantas, 2009. v. 5. p. 1-3.

  • VIANA, E. S. ; SANTANA, F. A. ; OLIVEIRA, L. A. ; AMORIM, T. S. ; Cruz, J.L. . Estudo comparativo entre as características físico químicas de variedades de mamão cultivadas no Sul da Bahia. In: XXI Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2008, Belo Horizonte. XXI Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2008. p. 1-3.

  • OLIVEIRA, L. A. ; SANTANA, F. A. ; AMORIM, T. S. ; SILVEIRA, F.G.F. ; SANTANA, P.N. . Determinação das características físico químicas de variedades de tangerina do Banco de Germoplasma da Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical. In: XXI Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2008, Belo Horizonte. XXI Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2008. p. 1-3.

  • DUTRA, R. M. ; MACHADO, L. C. ; OLIVEIRA, L. A. ; SILVA, J. ; FERREIRA, M. ; MELO, R. S. ; REIS, S. . Avaliação químico bromatológica e do conteúdo de compostos cianogênicos residual do feno do terço superior de diferentes cultivares de mandioca (Manihot esculenta Crantz). In: I Jornada Científica e VI FIPA do CEFET Bambuí, 2008, Bambuí. I Jornada Científica e VI FIPA do CEFET Bambuí, 2008. p. 1-5.

  • MELO, R. S. ; MACHADO, L. C. ; GERALDO, A. ; OLIVEIRA, L. A. ; FERREIRA, M. ; DUTRA, R. M. ; SILVA, L. M. . Avaliação químico bromatológica e do conteúdo de compostos cianogênicos residual de cinco frações obtidas a partir do processamento da rama da mandioca. In: I Jornada Científica e VI FIPA do CEFET Bambuí, 2008, Bambuí. I Jornada Científica e VI FIPA do CEFET Bambuí, 2008. p. 1-4.

  • OLIVEIRA, L. A. ; AMORIM, T. S. ; SANTOS, D. V. ; SILVA, J. . Teor de cianeto da variedade Eucalipto cultivada com diferentes adubações. In: XV Enaal e Congresso Latino Americano de Analistas de Alimentos, 2007, Fortaleza. XV Enaal / Congresso Latino Americano de Analistas de Alimentos, 2007. p. 1-3.

  • Fukuda, W. M. G. ; OLIVEIRA, L. A. ; Pereira, M.E.C. ; CEBALLOS, H. ; NUTTI, M. R. ; CARVALHO, J. L. V. . Enhancement of carotenoids content in cassava roots to alleviate vitamin A deficiency in human populations. In: IV Congresso Brasileiro de Melhoramento de Plantas, 2007, São Lourenço. 4 Congresso Brasileiro de Melhoramento de Plantas, 2007. p. 1-3.

  • FUKUDA, W. G. ; Magalhães, A.F.J. ; Pereira, M.E.C. ; OLIVEIRA, L. A. ; CEBALLOS, H. ; NUTTI, M. R. ; CARVALHO, J. L. V. . Development of cassava cultivars with high iron and zinc contents in their roots. In: IV Congresso Brasileiro de Melhoramento de Plantas, 2007, São Lourenço. IV Congresso Brasileiro de Melhoramento de Plantas, 2007.

  • GODOY, R. C. B. ; SANTOS, D. V. ; AZEREDO, H. M. C. ; WASZCZYNSKYJ, N. ; OLIVEIRA, L. A. . Desenvolvimento e caracterização físico-química de extrato hidrossolúvel de soja com polpa de mamão. In: IX Encontro Regional Sul de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2007, Curitiba. IX Encontro Regional Sul de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2007. p. 1-3.

  • GODOY, R. C. B. ; OLIVEIRA, L. A. ; SANTOS, D. V. ; AMORIM, T. S. ; WASZCZYNSKYJ, N. ; SILVA, J. . Aceitação de aipim orgânico cozido elaborado com diferentes variedades. In: IX Encontro Regional Sul de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2007, Curitiba. IX Encontro Regional Sul de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2007.

  • OLIVEIRA, L. A. ; SANTOS, D. V. ; GODOY, R. C. B. ; AMORIM, T. S. ; Ferreira, M. A. ; Souza, E. R. . Avaliação da Aceitação de Chips de Mandioca de Diferentes Variedades de Mandioca. In: XX Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2006, Curitiba. Anais do XX Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2006.

  • NUNES, Daniele de Almeida ; OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; CAVALCANTE, Maria Celma Boaventura ; RANGEL, M. A. S. ; RINGENBERG, Rudiney ; LEONEL, Magali ; FERNANDES, Adalton Mazetti ; SANTOS, Vanderlei da Silva . Propriedade de pasta do amido extraído de diferentes clones de mandioca e épocas de colheita. In: 15ª Jornada Científica ? Embrapa Mandioca e Fruticultura., 2021, Cruz das Almas. 15ª Jornada Científica ? Embrapa Mandioca e Fruticultura. Mulheres na Ciência: desafios, oportunidades e conquistas. Cruz das Almas: Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2021.

  • CAVALCANTE, Maria Celma Boaventura ; DE CARVALHO, RAVENA ROCHA BESSA ; OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; OLIVEIRA, EDER JORGE DE . Avaliação do teor de carotenoides em clones de mandioca. In: 15ª Jornada Científica ? Embrapa Mandioca e Fruticultura., 2021, Cruz das Almas. 15ª Jornada Científica ? Embrapa Mandioca e Fruticultura. Mulheres na Ciência: desafios, oportunidades e conquistas. Cruz das Almas: Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2021.

  • JESUS NETA, P. ; OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; BRANDÂO, Rejiane Silveira ; ASSIS, Jaciene Lopes de Jesus ; RINGENBERG, Rudiney ; RANGEL, Marco Antonio Sedrez ; LEONEL, Magali ; FERNANDES, Adalton Mazetti ; SANTOS, Vanderlei da Silva . Composição do amido de diferentes clones de mandioca. In: 15ª Jornada Científica ? Embrapa Mandioca e Fruticultura., 2021, Cruz das Almas. 15ª Jornada Científica ? Embrapa Mandioca e Fruticultura. Mulheres na Ciência: desafios, oportunidades e conquistas. Cruz das Almas: Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2021.

  • JESUS NETA, PALMIRA DE ; OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; ASSIS, Jaciene Lopes de Jesus ; RINGENBERG, Rudiney ; RANGEL, Marco Antonio Sedrez ; LEONEL, Magali ; FERNANDES, Adalton Mazetti ; SANTOS, Vanderlei da Silva . Caracterização do teor de amilose, pH e acidez do amido extraído de clones de mandioca em diferentes idades. In: 14a Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2020, Cruz das Almas. 14a Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura, Ciência em tempos de crise.. Cruz das Almas: Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2020.

  • ALMEIDA, Paulo Américo Matos ; OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; JESUS NETA, PALMIRA DE ; ASSIS, Jaciene Lopes de Jesus ; RANGEL, Marco Antonio Sedrez ; RINGENBERG, Rudiney ; LEONEL, Magali ; FERNANDES, Adalton Mazetti ; SANTOS, Vanderlei da Silva . Perfil de viscosidade e teor de fósforo do amido extraído de diferentes clones de mandioca em diferentes idades. In: 14a Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2020. 14a Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura, Ciência em tempos de crise.. Cruz das Almas: Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2020.

  • BISPO, VINÍCIUS RIBEIRO DE SOUZA ; SOUSA, MASSAINE BANDEIRA E ; SOUZA, GILVANARA DAMASCENO DE ; CARVALHO, R. R. B. ; OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; OLIVEIRA, EDER JORGE DE . Classificação de genótipos de mandioca quanto à presença de compostos cianogênicos nas raízes via espectroscopia na região do visível (VIS) e infravermelho próximo (NIR). In: 13a Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2019, Cruz das Almas. 13a Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, Foco e valor, 2019.

  • JESUS NETA, P. ; OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; JESUS, Jaciene Lopes ; Nascimento, A. S. ; SANTOS, Vanderlei da Silva . Caracterização química de clones de mandioca de mesa em três épocas de colheita. In: 13a Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2019, Cruz das Almas. 13a Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, Foco e valor, 2019.

  • Nascimento, A. S. ; JESUS NETA, P. ; Rodrigues, L. A. ; OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; SANTOS, Vanderlei da Silva ; Almeida, Luiz Henrique Silva ; RIBEIRO, O. L. . Quantificação de compostos cianogênicos nas folhas de diferentes variedades mandioca. In: 13a Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2019, Cruz das Almas. 13a Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, Foco e valor, 2019.

  • JESUS NETA, P. ; OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; Jesus, J.L. ; Menezes, Paulo Jackson Nunes ; SANTOS, Vanderlei da Silva . Perfil de viscosidade e teor de amido de clones de mandioca de mesa em três épocas de colheita. In: 12a Jornada científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2018, Cruz das Almas. Anais da 12a Jornada científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2018.

  • Nascimento, A. S. ; JESUS NETA, P. ; Rodrigues, L. A. ; OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; Jesus, J.L. ; SANTOS, Vanderlei da Silva ; Almeida, Luiz Henrique Silva . Quantificação de compostos cianogênicos nas folhas de diferentes variedades mandioca. In: 12a Jornada científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2018, Cruz das Almas. Anais da 12a Jornada científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2018.

  • Menezes, Paulo Jackson Nunes ; OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; SANTOS, Vanderlei da Silva ; SANTOS, J. F. . Determinação do teor de compostos cianogênicos em clones de mandioca com diferentes idades de colheita. In: 11ª Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2017, Cruz das Almas. 11ª Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2017.

  • SOUZA, Vivian dos Santos ; OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; VIANA, E. S. ; SANTOS, Vanderlei da Silva ; Menezes, Paulo Jackson Nunes . Avaliação físico-química e microbiológica de mandioca congelada. In: 11ª Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2017, Cruz das Almas. Anais da 11ª Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2017.

  • SANTOS, J. F. ; OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; SANTOS, Vanderlei da Silva ; SAZAKI, F. F. C. ; SOUZA, Vivian dos Santos . Caracterização química de variedades de mandioca submetidas a diferentes tempos de congelamento. In: 11ª Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2017, Cruz das Almas. Anais da 11ª Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2017.

  • ALMEIDA, J. M. ; REIS, Ronielli Cardoso ; OLIVEIRA, L. A. ; SANTOS, B. J. R. ; ASSIS, S. L. F. . Aceitação e perfil sensorial de diferentes variedades de mandioca de mesa. In: 11ª Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2017, Cruz das Almas. Anais da 11ª Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2017.

  • FONSECA, I. P. ; OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; Oliveira, E. J. ; Menezes, Paulo Jackson Nunes . Caracterização do amido de acessos de mandioca do banco ativo de germoplasma. In: 10ª Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2016, Cruz das Almas. Anais da 10ª Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2016.

  • SOUZA, Vivian dos Santos ; OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; SANTOS, Vanderlei da Silva ; SANTOS, J. F. . Teor de carotenoides totais e compostos cianogênicos em híbridos de mandioca. In: 10ª Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2016, Cruz das Almas. Anais da 10ª Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2016.

  • SANTOS, J. F. ; OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; SANTOS, Vanderlei da Silva ; SOUZA, Vivian dos Santos . Avaliação da qualidade de clones de mandioca em três épocas de colheita. In: 10ª Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2016, Cruz das Almas. Anais da 10ª Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2016.

  • Menezes, Paulo Jackson Nunes ; OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; Oliveira, E. J. ; FONSECA, I. P. . Caracterização do perfil de viscosidade do amido de acessos de mandioca. In: 10ª Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2016, Cruz das Almas. Anais da 10ª Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2016.

  • SAMPAIO FILHO, J. S. ; SANTOS, Vanderlei da Silva ; OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; MORALES, Cinara Fernanda Garcia . Estudo do cozimento em mandioca. In: 9ª Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2015, Cruz das Almas. Anais da 9ª Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2015. p. 51.

  • SANTANA, H. M. ; Oliveira, Luciana Alves ; REIS, Ronielli Cardoso ; OLIVEIRA, Cleonilson Santana de . Desenvolvimento e aceitação sensorial de snack de mandioca. In: 9ª Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2015, Cruz das Almas. Anais da 9ª Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2015. p. 131.

  • FONSECA, I. P. ; SOUZA, Milian Oliveira de ; Oliveira, Luciana Alves ; Oliveira, E. J. . Seleção de acessos de mandioca do banco ativo de germoplasma com propriedade de pasta diferencial. In: 9ª Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2015, Cruz das Almas. Anais da 9ª Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2015. p. 138.

  • SANTOS, J. F. ; GALIO, Ingrid Ferreira ; Oliveira, Luciana Alves ; SANTOS, Vanderlei da Silva . Caracterização de clones mandioca em três épocas de colheita. In: 9ª Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2015, Cruz das Almas. Anais da 9ª Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2015. p. 139.

  • SANTOS, Luana Ferreira dos ; Oliveira, Luciana Alves ; SANTOS, Vanderlei da Silva ; SANTOS, Nataly Jessie Mato Grosso Lima . Avaliação colorimétrica e do teor de carotenoides totais em híbridos de mandioca. In: 9ª Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2015, Cruz das Almas. Anais da 9ª Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2015. p. 142.

  • SOUZA, Vivian dos Santos ; Oliveira, Luciana Alves ; SANTOS, Vanderlei da Silva ; PEIXOTO, Francisco Joaquim Barbosa . Avaliação do teor de carotenoides totais, compostos cianogênicos e matéria seca em híbridos de mandioca. In: 9ª Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2015, Cruz das Alams. Anais da 9ª Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2015. p. 143.

  • OLIVEIRA, L. A. ; ITO, D. ; PACHECO, S. ; CARVALHO, J. L. V. ; ALVES, R. M. V. . Effect of packages on shelf life of biofortified baked cassava chips. In: 27th IAPRI Symposium on Packaging, 2015, Valencia. 27th IAPRI Symposium on Packaging. Valencia, Espanha: Research Center ITENE, 2015. p. 25.

  • SANTOS, J. F. ; SOUZA, Vivian dos Santos ; SILVA, João Felipe Moura da ; BASTOS, Thaís de Oliveira ; Oliveira, Luciana Alves ; Jesus, J.L. ; Oliveira, E. J. . Caracterização da composição do amido de acessos de mandioca do banco ativo de germoplasma. In: 8ª Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2014, Cruz das Almas. 8ª Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2014.

  • SANTOS, Luana Ferreira dos ; SOUZA, Vivian dos Santos ; Oliveira, Luciana Alves ; Jesus, J.L. ; SANTOS, V.S. ; BRITO, Jerônimo Ávito Gonçalves de . Caracterização de clones de mandioca com e sem casca a serem utilizados na alimentação animal. In: 8ª Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2014, Cruz das Almas. 8ª Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2014.

  • FONSECA, I. P. ; SANTOS, J. F. ; PEIXOTO, Francisco Joaquim Barbosa ; SANTOS, Luana Ferreira dos ; Oliveira, Luciana Alves ; Oliveira, E. J. . Determinação do teor de carotenoides totais e sólidos solúveis em raízes do germoplasma de mandioca. In: 8ª Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2014, Cruz das Almas. 8ª Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2014.

  • FIUZA, A. U. R. ; FONSECA, I. P. ; SILVA, Daiane Jesus da ; SILVA, Bianca Ferreira da ; Oliveira, Luciana Alves ; Jesus, J.L. ; Oliveira, E. J. . Avaliação do conteúdo de carotenoides totais e compostos cianogênicos em acessos de mandioca. In: 8ª Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2014, Cruz das Almas. 8ª Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2014.

  • SANTANA, H. M. ; FIUZA, A. U. R. ; SILVA, João Felipe Moura da ; SILVA, Láira do Amaral Oliveira da ; SILVA, Maria Carolina Santos de Melo ; Oliveira, Luciana Alves ; Jesus, J.L. ; Oliveira, E. J. . Caracterização do amido de acessos de mandioca. In: 8ª Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2014, Cruz das Almas. 8ª Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2014.

  • PEIXOTO, Francisco Joaquim Barbosa ; SANTANA, H. M. ; Oliveira, Luciana Alves ; Jesus, J.L. ; RANGEL, M. A. S. ; SANTOS, V.S. . Caracterização do amido de híbridos e variedades comerciais de mandioca plantadas no Paraná. In: 8ª Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2014, Cruz das Almas. 8ª Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2014.

  • Oliveira, Luciana Alves ; Jesus, J.L. ; SANTOS, J. F. ; SANTOS, V.S. . Caracterização de híbridos de mandioca de mesa. In: X Workshop sobre tecnologias em agroindústrias de tuberosas tropicais, 2014, Botucatu. X Workshop sobre tecnologias em agroindústrias de tuberosas tropicais, 2014.

  • ALVES, R. M. V. ; CAMPOS, A. C. M. G. ; ITO, D. ; CARVALHO, J. L. V. ; Oliveira, Luciana Alves ; PACHECO, S. . Stability of biofortified cassava fried chips. In: 17th IUFoST World Congress on Food Science and Technology, 2014, Montreal. 17th IUFoST World Congress on Food Science and Technology & Expo, 2014.

  • SANTANA, H. M. ; Oliveira, Luciana Alves ; SANTOS, J. F. ; SANTOS, Luana Ferreira dos ; PEIXOTO, Francisco Joaquim Barbosa ; SILVA, João Felipe Moura da . Caracterização do amido de genótipos de mandioca do banco ativo de germoplasma da Embrapa. In: XXIV Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2014, Aracaju. XXIV Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2014.

  • BOMFIM, Rafaela dos Santos ; Oliveira, Luciana Alves ; OLIVEIRA, Fábio Santos de ; OLIVEIRA, Givanildo Bezerra de . Alterações Físico-químicas e Boas Práticas de Fabricação na Fritura por Imersão em uma Unidade de Alimentação e Nutrição. In: XXIV Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2014, Aracaju. XXIV Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2014.

  • SANTANA, H. M. ; SANTOS, J. F. ; FIUZA, A. U. R. ; Oliveira, Luciana Alves . Avaliação do teor de carotenoides totais em acessos do banco ativo de germoplasma da Embrapa. In: III Reunião Anual de Ciência, Tecnologia, Inovação e Cultura do Recôncavo da Bahia (Reconcitec), 2014, Cruz das Almas. III Reunião Anual de Ciência, Tecnologia, Inovação e Cultura do Recôncavo da Bahia (Reconcitec), 2014.

  • FROIS, Jéssica Costa ; Oliveira, Luciana Alves ; OLIVEIRA, Givanildo Bezerra de . Estudo da estabilidade da linamarase de Manihot esculenta Crantz sob armazenamento. In: III Reunião Anual de Ciência, Tecnologia, Inovação e Cultura do Recôncavo da Bahia (Reconcitec), 2014, Cruz das Almas. III Reunião Anual de Ciência, Tecnologia, Inovação e Cultura do Recôncavo da Bahia (Reconcitec), 2014.

  • CAMPOS, A. C. M. G. ; MOREIRA, C. Q. ; CARVALHO, J. L. V. ; OLIVEIRA, L. A. ; PACHECO, S. ; ALVES, R. M. V. . Efeito de sistemas de embalagens na estabilidade da farinha de raspa de mandioca biofortificada. In: XXIV Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2014, Aracaju. XXIV Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2014.

  • SAMPAIO FILHO, J. S. ; SANTOS, Vanderlei da Silva ; OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE . Avaliação de épocas de colheita e tempo de cozimento em mandioca. In: 8ª Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2014, Cruz das Almas. 8ª Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2014.

  • SANTOS, J. F. ; SANTANA, H. M. ; OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE . Caracterização de híbridos de mandioca para o consumo fresco. In: III Reunião Anual de Ciência, Tecnologia, Inovação e Cultura no Recôncavo da Bahia (III Reconcitec), 2014, Cruz das Almas. III RECONCITEC - Educação, Ciência, Inovação e Redução das Desigualdades Sociais, 2014. p. 113.

  • SANTOS, A. O. ; Oliveira, Luciana Alves ; VIANA, F. L. C. ; Oliveira, E. J. ; SANTOS, V.S. . Composição e qualidade do amido de mandioca de acessos do Banco Ativo de Germoplasma. In: 7a Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2013, Cruz das Almas. 7a Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2013.

  • FONSECA, I. P. ; Oliveira, Luciana Alves ; Oliveira, E. J. ; SANTOS, V.S. . Teor dos compostos cianogênicos e matéria seca de acessos do banco ativo de germoplasma de mandioca. In: 7a Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2013, Cruz das Almas. 7a Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2013.

  • JESUS NETA, P. ; Oliveira, Luciana Alves ; SANTANA, F. A. ; SANTOS, V.S. ; Oliveira, E. J. . Avaliação de híbridos de mandioca quanto à composição das raízes. In: 7ª Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2013, Cruz das Almas. 7ª Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2013.

  • FIUZA, A. U. R. ; Oliveira, Luciana Alves ; SANTANA, H. M. ; SANTOS, V.S. ; Oliveira, E. J. . Composição de raízes de mandioca em três épocas de colheita. In: 7a Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2013, Cruz das Almas. 7a Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2013.

  • SALES, A. C. ; SANTOS, V.S. ; Oliveira, Luciana Alves ; Oliveira, E. J. . Avaliação da qualidade do amido em clones S1 de mandioca. In: 7ª Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2013, Cruz das Almas. 7ª Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2013.

  • Oliveira, Luciana Alves ; Kimura, M. ; SANTOS, V.S. ; Oliveira, E. J. ; SANTOS, A. O. ; Sousa, Mabel Ribeiro ; AMORIM, T. S. ; FIUZA, A. U. R. . Selection of sweet cassava accessions with high content of carotenoids. In: XVI World Congress of Food Science and Technology, 2012, Foz do Iguaçu. XVI World Congress of Food Science and Technology, 2012.

  • Oliveira, Luciana Alves ; Silveira, S. M. ; Kimura, M. ; SANTOS, V.S. ; Jesus, J.L. ; FIUZA, A. U. R. ; CARVALHO, J. L. V. . Evaluation of carotenoid and cyanogen content of cassava chip flour. In: XVI World Congress of Food Science and Technology, 2012, Foz do Iguaçu. XVI World Congress of Food Science and Technology, 2012.

  • PEREZ, C. L. ; FELIPPE, A. C. ; Kimura, M. ; JANZANTTI, N. S. ; Oliveira, Luciana Alves ; VIANA, E. S. . Carotenoid Composition of Umbu-Cajá Fruits from Bahia. In: XVI World Congress of Food Science and Technology, 2012, Foz do Iguaçu. XVI World Congress of Food Science and Technology, 2012.

  • SANTOS, A. O. ; Oliveira, Luciana Alves ; Jesus, J.L. ; SANTANA, F. A. ; SANTOS, V.S. ; Oliveira, E. J. . Estudo da composição do amido da mandioca em acessos do Banco Ativo de Germoplasma. In: VI Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2012, Cruz das Almas. VI Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2012.

  • SANTOS, T. S. ; Oliveira, Luciana Alves ; SANTOS, W. J. ; SANTOS, V.S. ; Oliveira, E. J. . Avaliação da composição de acessos de mandioca para carotenoides totais e compostos cianogênicos. In: VI Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2012, Cruz das Almas. VI Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2012.

  • FIUZA, A. U. R. ; Oliveira, Luciana Alves ; FONSECA, I. P. ; Oliveira, E. J. ; SANTOS, V.S. . Avaliação da composição de híbridos amarelos de mandioca em duas idades. In: VI Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2012, Cruz das Almas. VI Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2012.

  • JESUS NETA, P. ; Oliveira, Luciana Alves ; Silveira, S. M. ; Sousa, Mabel Ribeiro ; SANTOS, V.S. . Avaliação do teor de carotenoides totais em híbridos de mandioca com coloração amarela. In: VI Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2012, Cruz das Almas. VI Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2012.

  • Silveira, S. M. ; Oliveira, Luciana Alves ; SILVEIRA, D. M. S. ; SANTOS, V.S. . Estudo de retenção de carotenoides totais em híbridos de mandioca cozida. In: VI Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2012, Cruz das Almas. VI Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2012.

  • SANTANA, F.A. ; OLIVEIRA, EDER JORGE DE ; OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; SANTOS, A. O. ; AMORIM, T. S. . Caracterização do conteúdo de compostos cianogênicos em diferentes acessos de mandioca. In: II Reunião Anual de Ciência, Tecnologia, Inovação e Cultura no Recôncavo da Bahia (II Reconcitec), 2012, Cruz das Almas. Anais da II Reunião Anual de Ciência, Tecnologia, Inovação e Cultura no Recôncavo da Bahia (II Reconcitec), 2012. p. 286-287.

  • Fonseca, M. D. ; VIANA, E. S. ; OLIVEIRA, L. A. ; Sousa, Mabel Ribeiro ; AMORIM, T. S. . Caracterização física e físico-química de frutos de umbucajazeira. In: I Reunião Anual de Ciência, Tecnologia, Inovação e Cultura no Recôncavo da Bahia, 2011, Cruz das Almas. I Reunião Anual de Ciência, Tecnologia, Inovação e Cultura no Recôncavo da Bahia, 2011.

  • Silveira, S. M. ; OLIVEIRA, L. A. ; Sousa, Mabel Ribeiro ; AMORIM, T. S. ; SANTOS, V.S. ; Oliveira, E. J. . Caracterização de germoplasma de mandioca quanto ao teor de compostos cianogênicos. In: I Reunião Anual de Ciência, Tecnologia, Inovação e Cultura no Recôncavo da Bahia, 2011, Cruz das Almas. I Reunião Anual de Ciência, Tecnologia, Inovação e Cultura no Recôncavo da Bahia, 2011.

  • NEVES, G. O. ; OLIVEIRA, L. A. ; SANTOS, A. O. ; SANTANA, F. A. ; VIANA, E. S. ; Amorim, Edson Perito . Teores de compostos bioativos e proteína em variedades de banana. In: I Reunião Anual de Ciência, Tecnologia, Inovação e Cultura no Recôncavo da Bahia, 2011, Cruz das Almas. I Reunião Anual de Ciência, Tecnologia, Inovação e Cultura no Recôncavo da Bahia, 2011.

  • SILVEIRA, D. M. S. ; OLIVEIRA, L. A. ; SANTOS, W. J. ; SANTOS, V.S. ; Fonseca, M. D. ; ANDRADE, M. V. S. . Avaliação do teor de carotenoides totais e compostos cianogênicos em chips de mandioca. In: I Reunião Anual de Ciência, Tecnologia, Inovação e Cultura no Recôncavo da Bahia, 2011, Cruz das Almas. I Reunião Anual de Ciência, Tecnologia, Inovação e Cultura no Recôncavo da Bahia, 2011.

  • SANTOS, A. O. ; OLIVEIRA, L. A. ; Jesus, J.L. ; SANTANA, F. A. ; SANTOS, V.S. ; Oliveira, E. J. . Avaliação da composição do amido de acessos do banco ativo de germoplasma de mandioca. In: I Reunião Anual de Ciência, Tecnologia, Inovação e Cultura no Recôncavo da Bahia, 2011, Cruz das Almas. I Reunião Anual de Ciência, Tecnologia, Inovação e Cultura no Recôncavo da Bahia, 2011.

  • ANDRADE, M. V. S. ; VIANA, E. S. ; OLIVEIRA, L. A. ; Sousa, Mabel Ribeiro ; Fonseca, M. D. ; Silveira, S. M. ; Amorim, Edson Perito . Using multivariate analysis in evaluating improved banana varieties. In: International ISHS-ProMusa Symposium, 2011, Salvador. Bananas and plantains: toward sustainable global production and improved uses, 2011. p. 151-152.

  • GODOY, R. C. B. ; WASZCZYNSKYJ, N. ; SANTANA, F. A. ; Silva, S.O. ; SOUSA NETO, M. A. ; LEDO, C. A. S ; OLIVEIRA, L. A. . Varieties resistant to black leaf streak with the potential for jams processing. In: International ISHS-ProMusa Symposium, 2011, Salvador. Bananas and plantains: toward sustainable global production and improved uses, 2011. p. 152-153.

  • GODOY, R. C. B. ; WASZCZYNSKYJ, N. ; Silva, S.O. ; OLIVEIRA, L. A. ; SANTANA, F. A. . Análise sensorial como ferramenta no programa de melhoramento genético de banana. In: VI Simpósio Ibero-Americano em Análise Sensorial, 2010, São Paulo. VI Simpósio Ibero-Americano em Análise Sensorial, 2010.

  • GODOY, R. C. B. ; AZEREDO, H. M. C. ; SANTOS, D. V. ; OLIVEIRA, L. A. . Desenvolvimento de bebida de soja com polpa de graviola. In: VI Simpósio Ibero-Americano em Análise Sensorial, 2010, São Paulo. VI Simpósio Ibero-Americano em Análise Sensorial, 2010.

  • SANTANA, F. A. ; OLIVEIRA, L. A. ; GODOY, R. C. B. ; Fonseca, M. D. ; AMORIM, T. S. . Influência do momento de adição do ácido cítrico no processamento do doce de banana em corte. In: XXII Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2010, Salvador. XXII Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2011.

  • Araujo, P. A. de ; Kimura, M. ; OLIVEIRA, L. A. ; VIANA, E. S. . Carotenoides principais de diferentes variedades de umbu-cajá. In: XXII Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2010, Salvador. XXII Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2010.

  • Carvalho, L.D. ; VIANA, E. S. ; OLIVEIRA, L. A. ; SOARES FILHO, W. S. ; Mamede, Maria Eugênia de Oliveira . Avaliação sensorial de geleia convencional e dietética de umbu-cajá (Spondias spp.). In: XXII Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2010, Salvador. XXII Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2010.

  • Silva, C. R. ; Koblitz, M.G.B. ; Costa, A. S. ; VIANA, E. S. ; OLIVEIRA, L. A. . Otimização da extração de enzimas de Spondias spp. usando a metodologia de superfície de resposta. In: XXII Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2010, Salvador. XXII Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2010.

  • OLIVEIRA, L. A. ; VIANA, E. S. ; Sousa, Mabel Ribeiro ; AMORIM, T. S. ; Amorim, Edson Perito . Avaliação das características físico-químicas de frutos de bananeiras com resistência a Sigatoka negra. In: XXII Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2010, Salvador. XXII Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2010.

  • FERREIRA, D. C. ; OLIVEIRA, L. A. ; CARVALHO FILHO, C. D. . Teor de compostos cianogênicos durante o processo fermentativo da carimã. In: XXII Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2010, Salvador. XXII Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2010.

  • Carvalho, L.D. ; VIANA, E. S. ; OLIVEIRA, L. A. ; Ritzinger, R. ; Mamede, Maria Eugênia de Oliveira . Caracterização física e físico-química de geleia convencional e dietética de umbu-cajá (Spondias Spp.). In: XXII Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2010, Salvador. XXII Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2010.

  • Silveira, S. M. ; OLIVEIRA, L. A. ; Sousa, Mabel Ribeiro ; Fonseca, M. D. ; Gomes, Belo Gomes ; SANTOS, V.S. . Estudo do conteúdo de carotenoides totais em híbridos de mandioca da família 2007. In: Reunião Regional da SBPC, 2010, Cruz das Almas : UFRB. Reunião Regional da SBPC, 2010.

  • Silveira, S. M. ; OLIVEIRA, L. A. ; Jesus, J.L. ; AMORIM, T. S. ; SANTANA, F. A. ; SANTOS, V.S. . Estudo do conteúdo de compostos cianogênicos em híbridos de mandioca da Família 2007. In: Reunião Regional da SBPC, 2010, Cruz das Almas : UFRB. Reunião Regional da SBPC, 2010.

  • Fonseca, M. D. ; VIANA, E. S. ; Carvalho, L.D. ; Mamede, Maria Eugênia de Oliveira ; Bispo, Eliete da Silva ; OLIVEIRA, L. A. . Avaliação sensorial de geleia convencional e dietética de umbu-cajá (Spondias spp.). In: Reunião Regional da SBPC, 2010, Cruz das Almas : UFRB. Reunião Regional da SBPC, 2010.

  • CERQUEIRA, J. O. ; OLIVEIRA, L. A. ; VIANA, E. S. ; Sousa, Mabel Ribeiro ; Silva, S.O. ; Amorim, Edson Perito . Avaliação do teor de carotenoides totais em híbridos e acessos de banana. In: Reunião Regional da SBPC, 2010, Cruz das Almas : UFRB. Reunião Regional da SBPC, 2010.

  • SANTANA, F. A. ; OLIVEIRA, L. A. ; VIANA, E. S. ; Silveira, Ana Paula Pereira ; Silva, S.O. ; Amorim, Edson Perito . Avaliação físico-química de frutos de diferentes variedades de bananeira. In: Reunião Regional da SBPC, 2010, Cruz das Almas : UFRB. Reunião Regional da SBPC, 2010.

  • Silveira, S. M. ; Fonseca, M. D. ; OLIVEIRA, L. A. ; SANTANA, F. A. ; ANDRADE, M. V. S. ; SANTOS, V.S. . Avaliação do teor de compostos cianogênicos em híbridos de mandioca. In: VII Seminário Estudantil de Pesquisa e Extensão, 2010, FAMAM : Cruz das Almas. VII Seminário Estudantil de Pesquisa e Extensão, 2010.

  • ANDRADE, M. V. S. ; OLIVEIRA, L. A. ; Fonseca, M. D. ; Silveira, S. M. ; SANTANA, F. A. ; SANTOS, V.S. . Avaliação do conteúdo de carotenoides em híbridos de mandioca da família 2008. In: VII Seminário Estudantil de Pesquisa e Extensão, 2010, FAMAM : Cruz das Almas. VII Seminário Estudantil de Pesquisa e Extensão, 2010.

  • OLIVEIRA, L. A. ; SANTANA, F. A. ; VIANA, E. S. ; AMORIM, T. S. ; SANTANA, P.N. . Características físico-químicas de variedades de banana resistentes à Sigatoka negra. In: I Simpósio em Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2009, Salvador. Anais do I Simpósio em Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2009.

  • VIANA, E. S. ; OLIVEIRA, L. A. ; Sousa, Mabel Ribeiro ; Silveira, Ana Paula Pereira ; Vaz, R. C. V. . Estudo da cor e do conteúdo de carotenóides em variedades de umbu-cajá. In: I Simpósio em Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2009, Salvador. Anais do I Simpósio em Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2009.

  • SANTANA, F. A. ; OLIVEIRA, L. A. ; AMORIM, T. S. ; Leal, Larissa Rodrigues Silveira ; SILVEIRA, F.G.F. . Alternativas para conservação utilizadas na pós-colheita da mandioca. In: I Simpósio em Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2009, Salvador. Anais do I Simpósio em Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2009.

  • OLIVEIRA, L. A. ; Kimura, M. ; AMORIM, T. S. ; SANTOS, V.S. ; Fukuda, W. M. G. ; NUTTI, M. R. ; CARVALHO, J. L. V. . Avaliação e seleção de variedades coletadas da Amazônia e híbridos de mandioca com alto teor de carotenóides totais. In: III Reunião Anual de Biofortificação no Brasil, 2009, Aracaju. III Reunião Anual de Biofortificação no Brasil, 2009.

  • OLIVEIRA, L. A. ; Kimura, M. ; Pereira, M.E.C. ; AMORIM, T. S. ; Fukuda, W. M. G. ; NUTTI, M. R. ; CARVALHO, J. L. V. . Avaliação do teor de carotenoides totais e compostos cianogênicos em híbridos de mandioca das Famílias 2003 e 2004. In: III Reunião Anual de Biofortificação no Brasil, 2009, Aracaju. III Reunião Anual de Biofortificação no Brasil, 2009.

  • SANTANA, F. A. ; OLIVEIRA, L. A. ; VIANA, E. S. ; AMORIM, T. S. . Estudo da composição físico-química de duas variedades de tangerina oriundas do Banco Ativo de Germoplasma da Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical. In: III Seminário de Pesquisa do Recôncavo da Bahia - III Seminário Estudantil de Pesquisa da UFRB, 2009, Cruz das Almas. III Seminário de Pesquisa do Recôncavo da Bahia - III Seminário Estudantil de Pesquisa da UFRB, 2009.

  • FERREIRA, D. C. ; CARVALHO FILHO, C. D. ; OLIVEIRA, L. A. . Eficiência da detoxificação dos compostos cianogênicos da mandioca no processamento da massa de puba. In: VIII Simpósio Latino Americano de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2009, Campinas. VIII Simpósio Latino Americano de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2009.

  • FUKUDA, W. G. ; SOUZA, L.S. ; OLIVEIRA, L. A. ; SANTOS, V.S. ; CORIOLANO, J.W. ; PINHO, J. L. N. ; SANTOS, A.R. . Adoption of cassava varieties with yellow pulp for fresh consumption in the Brazilian Northeast. In: Cassava: meeting the challenges of the new millennium. Scientific meeting of the global cassava partnership, 2008, Bélgica. Cassava: meeting the challenges of the new millennium. Scientific meeting of the global cassava partnership, 2008.

  • FUKUDA, W. G. ; OLIVEIRA, L. A. ; SANTOS, V.S. ; CEBALLOS, H. ; NUTTI, M. R. ; CARVALHO, J. L. V. . Development of cassava cultivars with high iron and zinc contents roots. In: Cassava: meeting the challenges of the new millennium. Scientific meeting of the global cassava partnership, 2008, Bélgica. Cassava: meeting the challenges of the new millennium. Scientific meeting of the global cassava partnership, 2008.

  • OLIVEIRA, L. A. ; FUKUDA, W. G. ; WATANABE, E. ; NUTTI, M. R. ; CARVALHO, J. L. V. ; Kimura, M. . Total carotenoid concentration and retention in cassava products. In: Cassava: meeting the challenges of the new millennium. Scientific meeting of the global cassava partnership, 2008, Belgica. Cassava: meeting the challenges of the new millennium. Scientific meeting of the global cassava partnership, 2008.

  • FUKUDA, W. G. ; SANTOS, V.S. ; OLIVEIRA, L. A. ; Pereira, M.E.C. ; CEBALLOS, H. ; NUTTI, M. R. ; CARVALHO, J. L. V. ; DITA, M.A. . Breeding cassava for enhancement of carotenoid, iron and zinc contents. In: Cassava: meeting the challenges of the new millennium. Scientific meeting of the global cassava partnership, 2008, Belgica. Cassava: meeting the challenges of the new millennium. Scientific meeting of the global cassava partnership, 2008.

  • SILVEIRA, F.G.F. ; OLIVEIRA, L. A. ; VIANA, E. S. ; SILVA, J. ; AMORIM, T. S. . Perfil físico-químico e microbiológico da mandioca minimamente processada. In: II Seminário de Pesquisa do Recôncavo da Bahia, 2008, Cruz das Almas. II Seminário de Pesquisa do Recôncavo da Bahia, 2008.

  • SILVEIRA, F.G.F. ; REINHARDT, D. H. ; VIANA, E. S. ; OLIVEIRA, L. A. . Determinação de parâmetros físico-químicos e sensoriais de abacaxi "Pérola" minimamente processado. In: II Jornada de Iniciação Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical, 2008, Cruz das Almas. II Jornada de Iniciação Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical, 2008.

  • SANTANA, F. A. ; OLIVEIRA, L. A. ; VIANA, E. S. ; AMORIM, T. S. . Características físico-químicas de três variedades de mamão cultivadas na Bahia.. In: II Jornada de Iniciação Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical, 2008, Cruz das Almas. II Jornada de Iniciação Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical, 2008.

  • SANTANA, P. N. ; VIANA, E. S. ; OLIVEIRA, L. A. ; AMORIM, T. S. . Determinação das características físico químicas de variedades de tangerina. In: II Jornada de Iniciação Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical, 2008, Cruz das Almas. II Jornada de Iniciação Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical, 2008.

  • SILVEIRA, F.G.F. ; OLIVEIRA, L. A. ; VIANA, E. S. ; SILVA, J. ; AMORIM, T. S. . Perfil físico-químico e microbiológico de mandioca minimamente processada. In: II Seminário de Pesquisa do Recôncavo da Bahia - II Seminário Estudantil de Pesquisa da UFRB, 2008, UFRB. II Seminário de Pesquisa do Recôncavo da Bahia - II Seminário Estudantil de Pesquisa da UFRB, 2008.

  • VIANA, E. S. ; SILVEIRA, F.G.F. ; SANTANA, F. A. ; AMORIM, T. S. ; OLIVEIRA, L. A. ; REINHARDT, D. H. . Physico-chemical characteristics of minimally processed Pérola pineapples treated with antioxidants and edible coatings. In: VI International Pineapple Symposium, 2007, João Pessoa. VI International Pineapple Symposium, 2007.

  • VIANA, E. S. ; SILVEIRA, F.G.F. ; SANTANA, F. A. ; AMORIM, T. S. ; OLIVEIRA, L. A. ; REINHARDT, D. H. . Appearance of minimally processed Pérola pineapples treated with antioxidants and edible coatings. In: VI International Pineapple Symposium, 2007, João Pessoa. VI International Pineapple Symposium, 2007.

  • OLIVEIRA, L. A. ; GAMA, E. V. S. ; AMORIM, T. S. ; Souza, E. R. ; Ferreira, M. A. ; SILVA JUNIOR, J. J. ; Fukuda, W. M. G. . Avaliação do Teor de Cianeto em Variedades de Mandioca (Manihot Esculenta Crantz) para Consumo na Forma de Chips. In: XX Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2006, Curitiba. Anais do XX Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2006.

  • OLIVEIRA, L. A. ; OLIVEIRA, Givanildo Bezerra de ; BARROS NETO, Benício . Seleção das melhores condições para a produção de xilanase por Penicillium janthinellum em sistemas de duas fases aquosas. In: VI Seminário Brasileiro de Tecnologia Enzimática, 2004, Rio de Janeiro. VI Seminário Brasileiro de Tecnologia Enzimática, 2004. p. 104-104.

  • AMARAL, I. P. G. ; OLIVEIRA, Givanildo Bezerra de ; OLIVEIRA, L. A. ; CARVALHO JR, L. B. . Immobilization of xylanase form Penicillium janthinellum onto feromagnetic dacron. In: XXXII Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Bioquímica e Biologia Molecular - SBBq, 2003, Caxambu. Anais do Congresso, 2003. p. 138.

  • OLIVEIRA, L. A. ; PORTO, A. L. F. ; TAMBOURGI, Elias Basile . Extractive cultivation of Penicillium janthinellum using aqueous two-phase systems for production and separation of xylanase. In: XXXI Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Bioquímica e Biologia Molecular - SBBq, 2002, Caxambu. Anais do Congresso, 2002. p. 93-93.

  • SCHIRATO, G. V. ; OLIVEIRA, L. A. ; LIMA-FILHO, J. L. ; TAMBOURGI, Elias Basile ; PORTO, A. L. F. . Extractive fermentation of Penicillium janthinellum using aqueous two phase system PEG/POLICAJU for production of xylanase. In: XXX Reunião Anual Sociedade Brasileira de Bioquímica e Biologia Molecular-SBBq, 2001, Caxambu. Anais do Congresso, 2001. p. 93-93.

  • ANDRADE, V. S. ; OLIVEIRA, L. A. ; BARROS NETO, Benício ; CAMPOS-TAKAKI, G. M. . Production of astaxanthin from Mucor javanicus: fractional factorial design (2 7-3). In: XXX Reunião Anual Sociedade Brasileira de Bioquímica e Biologia Molecular-SBBq, 2001, Caxambu. Anais do Congresso, 2001. p. 93-93.

  • OLIVEIRA, L. A. ; LIMA-FILHO, J. L. ; PORTO, A. L. F. ; TAMBOURGI, Elias Basile . Production of xylanase by Penicillium janthinellum on aot husk medium. In: XXX Reunião Anual Sociedade Brasileira de Bioquímica e Biologia Molecular-SBBq, 2001, Caxambu. Anais do congresso, 2001. p. 93-93.

  • ANDRADE, V. S. ; OLIVEIRA, L. A. ; SARUBBO, L A ; FUKUSHIMA, K. ; CAMPOSTAKAKI, G. M. . Regulation of Extracellular Protease Production in Mucor circinelloides (IFM 40507): A Kinetic Study. In: XXI Congresso Brasileiro de Microbiologia, 2001, Foz do Iguaçu. XXI Congresso Brasileiro de Microbiologia, 2001. p. 353-353.

  • OLIVEIRA, L. A. ; SARUBBO, L A ; PORTO, A. L. F. ; LIMA-FILHO, J. L. ; CAMPOS-TAKAKI, G. M. ; TAMBOURGI, Elias Basile . Partition of trypsin in two-phase aqueous polymer system. In: XXIX Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Bioquímica e Biologia Molecular-SBBq, 2000, Caxambu, 2000. p. 61-61.

  • ANDRADE, V. S. ; OLIVEIRA, L. A. ; LIMA-FILHO, J. L. ; CAMPOS-TAKAKI, G. M. . Production of carotenoids by Mucor javanicus IFO 4570. In: XXIX Reunião Anual Sociedade Brasileira de Bioquímica e Biologia Molecular-SBBq, 2000, Caxambu. Anais do Congresso, 2000. p. 61-61.

  • OLIVEIRA, L. A. ; SARUBBO, L A ; PORTO, A. L. F. ; LIMA-FILHO, J. L. ; CAMPOS-TAKAKI, G. M. ; TAMBOURGI, Elias Basile . Trypsin partitioning in aqueous two-phase systems: effect of pH and sodium chloride concentration. In: XL Congresso Brasileiro de Química, 2000, Recife. Anais do Congresso, 2000. p. 278-278.

  • SARUBBO, L A ; OLIVEIRA, L. A. ; PORTO, A. L. F. ; CAMPOS-TAKAKI, G. M. ; TAMBOURGI, Elias Basile . Continuous separation of bovine serum albumin with aqueous two-phase systems in a PRDC contactor. In: XL Congresso Brasileiro de Química, 2000, Recife. Anais do Congresso, 2000. p. 205-206.

  • OLIVEIRA, L. A. ; SCHIRATO, G. V. ; LIMA-FILHO, J. L. ; PORTO, A. L. F. ; TAMBOURGI, Elias Basile . Produção de xilanase por Penicillium janthinellum em meio de bagaço de mandioca hidrolisado. In: VII Encontro Nacional de Microbiologia Ambiental, 2000, Recife. Anais do Congresso, 2000. p. 180-180.

  • ANDRADE, V. S. ; SILVA, M. P. C. ; ROJAS, H. F. ; OLIVEIRA, L. A. ; CAMPOS-TAKAKI, G. M. . Estudo comparativo entre Cunninghamella elegans IFM 46109 e Mucor javanicus IFO 4570 na produção de carotenóides identificados por HPLC. In: XX Congresso Brasileiro de Microbiologia, 1999, Salvador. Anais do XX Congresso Brasileiro de Microbiologia, 1999. p. 246-246.

  • ANDRADE, V. S. ; SILVA, M. P. C. ; ROJAS, H. F. ; OLIVEIRA, L. A. ; CAMPOS-TAKAKI, G. M. . Cunninghamella elegans IFM 46109 como fonte de Betacaroteno. In: XX Congresso Brasileiro de Microbiologia, 1999, Salvador. Anais do XX Congresso Brasileiro de Microbiologia, 1999. p. 247-247.

  • OLIVEIRA, L. A. ; SARUBBO, L. A. ; PORTO, A. L. F. ; LIMA-FILHO, J. L. ; MENESTRINA, J. M. L. ; IACOMINI, M. ; CAMPOS-TAKAKI, G. M. ; TAMBOURGI, Elias Basile . Prelyminary study of a new aqueous two-phase system based on cashew-nut tree gum and polyethylene glycol. In: XXVIII Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Bioquímica e Biologia Molecular-SBBq, 1999, Caxambu. Anais da XXVIII Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Bioquímica e Biologia Molecular-SBBq, 1999. p. 175-175.

  • SARUBBO, L. A. ; OLIVEIRA, L. A. ; VIEIRA, L. F. D. F. ; PORTO, A. L. F. ; PIMENTEL, M. C. B. ; CAMPOS-TAKAKI, G. M. ; TAMBOURGI, Elias Basile . Partition behaviour of bovine serum albumin in a new aqueous two-phase system based on cashew-nut tree gum and poly(ethylene glycol).. In: II Congresso de Engenharia de Processos do Mercosul, 1999, Florianópolis. Anais do II Congresso de Engenharia de Processos do Mercosul, 1999. v. 1. p. 711-712.

  • OLIVEIRA, L. A. ; FARIAS, M.A. ; LEITE, S. G. F. ; VASCONCELLOS, A. M. H. . Growth conditions of Acinetobacter strains for gluconate production. In: XXVII Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Bioquímica e Biologia Molecular, 1998, Caxambu. Anais do Congresso, 1998. p. 75-75.

  • SILVA, G. R. ; OLIVEIRA, L. A. ; FREITAS, S. P. ; SERVULO, E. F. C. ; COELHO, M. A. Z. . Extracción acuosa enzimática del aceite de la pulpa de Tucumã. In: IV Congresso Nacional de Biotecnología, 1998, Talca. Anais do Congresso, 1998. p. 21-21.

  • OLIVEIRA, L. A. ; LEITE, S. G. F. ; VASCONCELLOS, A. M. H. . Characterisation of Growth Conditions of Acinetobacter Strains for Gluconic Acid Production. In: Simpósio Internacional em Bioquímica de Macromoléculas e Biotecnologia, 1997, Recife. Anais do Simpósio Internacional em Bioquímica de Macromoléculas e Biotecnologia, 1997. p. 86-86.

  • FAISSAL, D. M. ; SILVA, G. R. ; OLIVEIRA, L. A. ; RIBEIRO, M. F. ; AMORIM, R. M. ; COELHO, M. A. Z. ; CAMPORESE, E. F. S. ; FREITAS, S. P. . Otimização da extração enzimática de óleo de polpa de Tucumã. In: XIX Congresso Brasileiro de Microbiologia, 1997, Rio de Janeiro. Anais do XIX Congresso Brasileiro de Microbiologia, 1997. p. 281-281.

  • OLIVEIRA, L. A. ; LEITE, S. G. F. ; VASCONCELLOS, A. M. H. . Determinação de Melhores Condições para Produção de Ácido Glicônico por linhagens de Acinetobacter calcoaceticus. In: VI Encontro de Iniciação Científica em Engenharia Química do Rio de Janeiro, 1997, Rio de Janeiro. Anais do VI Encontro de Iniciação Científica em Engenharia Química do Rio de Janeiro, 1997. p. 28-28.

  • OLIVEIRA, L. A. ; LEITE, S. G. F. ; VASCONCELLOS, A. M. H. . Characterization of Growth Conditions of Acinetobacter Strains. In: XXVI Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Bioquímica e Biologia Molecular - SBBq, 1997, Caxambu. Anais da XXVI Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Bioquímica e Biologia Molecular - SBBq, 1997. p. 62-62.

  • OLIVEIRA, L. A. ; VASCONCELLOS, A. M. H. ; LEITE, S. G. F. . Determinação de melhores condições para produção de ácido glicônico por linhagens de Acinetobacter calcoaceticus. In: Anais da XIX Jornada de Iniciação Científica e IX Jornada de Iniciação Artística e Cultural da UFRJ, 1997, Rio de Janeiro. Anais do congresso, 1997. p. 29-29.

  • SILVA, G. R. ; OLIVEIRA, L. A. ; RIBEIRO, M. F. ; FAISSAL, D. M. ; AMORIM, R. M. ; COELHO, M. A. Z. ; CAMPORESE, E. F. S. ; FREITAS, S. P. . Extração de óleo de polpa de tucumã por processo enzimático. In: XIX Jornada de Iniciação Científica e IX Jornada de Iniciação Artística e Cultural da UFRJ, 1997, Rio de Janeiro. Anais do congresso, 1997. p. 187-187.

  • OLIVEIRA, L. A. ; BRINN, I. M. ; ANTUNES, O. A. C. . Fotossensibilizadores de Terapia Fotodinâmica pKa de Quercetina. In: I Congresso Latino Americano de Estudantes de Engenharia Química e VI Congresso Nacional de Estudantes de Engenharia Química, 1996, Porto Alegre. Anais do I Congresso Latino Americano de Estudantes de Engenharia Química e VI Congresso Nacional de Estudantes de Engenharia Química, 1996. p. 14-14.

  • OLIVEIRA, L. A. ; BRINN, I. M. ; ANTUNES, O. A. C. . Controle de pKa do fotossensibilizador por reações de substituição. In: Anais da XVII Jornada Interna de Iniciação Científica e VII Jornada Interna de Iniciação Artística e Cultural da UFRJ, 1995, Rio de Janeiro. Anais do Congresso, 1995. p. 44-44.

  • OLIVEIRA, L. A. ; BRINN, I. M. ; ANTUNES, O. A. C. ; SRIVASTAVA, R. M . Controle de pKa do fotossensibilizador por reações de substituição. In: Anais da XVI Jornada de Iniciação Científica e VI Jornada de Iniciação Artística e Cultural da UFRJ, 1994, Rio de Janeiro. Anais do Congresso, 1994. p. 38-38.

  • OLIVEIRA, L. A. ; COSTA, C. N. ; PATO, T. P. ; SEKI, L. M. . Taxonomia e Estudos Bioquímicos do Fungo do Chá. In: III Encontro Nacional de Microbiologia Ambiental, 1990, São Paulo. Anais III Encontro Nacional de Microbiologia Ambiental, 1990. v. Único.

  • Marques, Gutto Monzelle Rios ; OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; Ribeiro, Araildes Martins ; Carvalho, Jeilly Vivianne Ribeiro da Silva Berbert de . Processamento de mandioca de mesa. 2021. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; ALVES, Alfredo Augusto Cunha . Cianeto em mandioca: mitos e verdades. 2021. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • MOTTA, Joselito da Silva ; OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; ALVES, Alfredo Augusto Cunha . Processamento de aipim. 2020. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE . Processamento de aipim e de mandioca: Lançamento de Publicação técnica. 2020. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE . Cianeto em mandioca: lendas e verdades. 2018. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • OLIVEIRA, L. A. . Palestra Biofortificação de Mandioca e Banana. II Simpósio em Ciência e Tecnologia de Alimentos - I Congresso do Instituto Nacional de Frutos Tropicais. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • Oliveira, Luciana Alves . Palestra Melhoramentos visando a biofortificação e amidos raros. XXII Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; MATOS, M. F. R. ; ÁLVARES, Virgínia de Souza ; ABREU, L. F. ; TESHIMA, Elisa ; SOUZA, Joana Maria Leite de . Farinha de mandioca: coloração e legislação. Cruz das Almas: Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2021 (Cartilha).

  • OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; SOUZA, Joana Maria Leite de ; MATOS, M. F. R. ; ÁLVARES, Virgínia de Souza . Farinha de mandioca: alimento fonte de fibras e amido resistente. Cruz das Almas: Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2021 (Cartilha).

  • Oliveira, Luciana Alves ; REIS, Ronielli Cardoso ; SANTANA, H. M. ; JESUS, Jaciene Lopes ; SANTOS, Vanderlei da Silva ; CARVALHO, J. L. V. . Teor de carotenoides totais e compostos cianogênicos em snack de mandioca. Cruz das Almas: Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2020 (Boletim de pesquisa e desenvolvimento).

  • TAKEITI, C. Y. ; REIS, R. C. ; CARVALHO, C. W. P. ; VIANA, E. S. ; OLIVEIRA, Naiara Almeida de ; JESUS NETA, P. ; Oliveira, Luciana Alves . Propriedades tecnológicas de amidos isolados de plátanos e bananas da coleção de germoplasma da Embrapa. Rio de Janeiro: Embrapa Agroindústria de Alimentos, 2020 (Boletim de pesquisa e desenvolvimento).

  • OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; REIS, Ronielli Cardoso ; VIANA, E. S. ; SANTOS, J. F. ; SOUZA, Vivian dos Santos ; ASSIS, Jaciene Lopes de Jesus ; SASAKI, Fabiana Fumi Cerqueira ; SANTOS, Vanderlei da Silva . Obtenção de raízes de mandioca de mesa congelada. Cruz das Almas: Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2020 (Comunicado técnico).

  • GODOY, R. C. B. ; VIANA, E. S. ; OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; GASPARINI, Virginia Afonso ; FRAGOSO, M. F. F. . Guia básico de higiene doméstica para a prevenção da Covid-19 e outras doenças. Curitiba: Embrapa Floresta, 2020 (Cartilha).

  • Pereira, M.E.C. ; OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; SASAKI, Fabiana Fumi Cerqueira ; MATSUURA, M. I. S. F. . Colheita, pós-colheita e processamento da mandioca. [In: Duarte, L.D.; Silva, A.F.(Eds). Sistema de Produção de Mandioca no Semiárido].. Cruz das Almas: Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2020 (Sistema de produção).

  • RINALDI, Maria Madalena ; OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE . Colheita, pós-colheita e processamento. [In: Fialho, J.F.; Viera, E.A.; Borges, A.L.(Eds). Cultivo da Mandioca para Região do Cerrado]. Cruz das Almas: Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2017 (Sistema de produção).

  • Oliveira, Luciana Alves ; REIS, Ronielli Cardoso ; SANTANA, H. M. ; SANTOS, Vanderlei da Silva . Processo Agroindustrial: obtenção de snack de mandioca a partir da variedade BRS Jari. Cruz das Almas: Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2016 (Comunicado técnico).

  • Oliveira, Luciana Alves ; GODOY, R. C. B. . Mandioca chips. Cruz das Almas: Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2011 (Circular técnica).

  • VIANA, E. S. ; Mamede, Maria Eugênia de Oliveira ; Carvalho, L.D. ; Oliveira, Luciana Alves . Processamento de umbu-cajá, variedade suprema, na forma de geleia dietética e convencional. Cruz das Almas: Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2011 (Circular técnica).

  • VIANA, E. S. ; Oliveira, Luciana Alves ; SILVA, J. . Processamento mínimo de mandioca. Cruz das Almas: Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2010 (Circular técnica).

Outras produções

OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; REIS, Ronielli Cardoso ; VIANA, E. S. ; SANTOS, J. F. ; SOUZA, Vivian dos Santos ; JESUS, Jaciene Lopes ; SASAKI, Fabiana Fumi Cerqueira ; SANTOS, Vanderlei da Silva . Obtenção de raízes de mandioca de mesa congelada. 2020.

Oliveira, Luciana Alves ; REIS, Ronielli Cardoso ; SANTANA, H. M. ; SANTOS, Vanderlei da Silva . Snack de mandioca a partir da variedade de mandioca BRS Jari. 2016.

VIANA, Eliseth de Souza ; Mamede, Maria Eugênia de Oliveira ; CARVALHO, Leonardo Dib de ; OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE . Processamento de umbu-cajá, variedade suprema, na forma de geleia dietética e convencional. 2011.

OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; GODOY, R. C. B. . Chips de mandioca. 2010.

Fukuda, W. M. G. ; CARVALHO, H. W. L. ; Oliveira, Luciana Alves ; OLIVEIRA, I. R. ; PINHO, J. L. N. ; SANTOS, Vanderlei da Silva ; NUTTI, M. R. ; Kimura, M. . BRS Jari: Nova variedade de mandioca para mesa com alto teor de betacaroteno nas raízes. 2009.

Fukuda, W. M. G. ; PEREIRA, M. E. C. ; Oliveira, Luciana Alves ; GODOY, R. C. B. . BRS Dourada: Mandioca de mesa com uso diversificado. 2005.

OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE . Congelamento aumenta a durabilidade da mandioca. 2021. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE . Congelamento aumenta a durabilidade da mandioca. 2021. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE . Mandioca, um alimento versátil. 2020. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE . Processamento de mandioca de mesa. 2020. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

CARDOSO, C. E. L. ; VIANA, E. S. ; SASAKI, Fabiana Fumi Cerqueira ; SANTOS, G. S. ; JESUS, Jaciene Lopes ; MOTTA, Joselito da Silva ; Macedo, Juscelino de Sousa ; OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; MATOS, M. F. R. ; AGUIAR, Priscila Mendes . 2o Curso sobre processamento de mandioca. 2019. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

OLIVEIRA, LUCIANA ALVES DE ; MOTTA, Joselito da Silva ; Jesus, J.L. ; VIANA, E. S. ; SASAKI, Fabiana Fumi Cerqueira ; CARDOSO, C. E. L. ; REIS, Ronielli Cardoso ; SANTOS, G. S. ; MATOS, M. F. R. ; Gonçalves, Aída Maria Santiago ; AGUIAR, Priscila Mendes ; CERQUEIRA, Sérgio Mariano ; PORTO, Marcio Carvalho Marques . Curso sobre processamento de mandioca. 2018. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

SASAKI, Fabiana Fumi Cerqueira ; Jesus, J.L. ; Oliveira, Luciana Alves . Processamento de mandioca de mesa. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

CARDOSO, C. E. L. ; VIANA, E. S. ; SASAKI, Fabiana Fumi Cerqueira ; SANTOS, G. S. ; Jesus, J.L. ; Motta, J. S. ; Oliveira, Luciana Alves ; REIS, Ronielli Cardoso . Curso de Processamento de mandioca. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

OLIVEIRA, L. A. ; REIS, R. C. ; VIANA, E. S. ; SASAKI, Fabiana Fumi Cerqueira ; Motta, J. S. . Curso sobre processamento de mandioca (Feira de Santana - BA). 2016. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

OLIVEIRA, L. A. . Curso Processamento de mandioca (Diamante do Norte - PR). 2016. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

Motta, J. S. ; CARDOSO, C. E. L. ; SOUZA, L. D. ; SANTOS, V.S. ; Ferreira Filho, J. R. ; RINGENBERG, Rudiney ; SILVA, H. S. A. ; OLIVEIRA, S. A. S. ; Diniz, M. S. ; OLIVEIRA, L. A. ; Jesus, J.L. ; PEREIRA, M. C. . Curso sobre Produção de Mandioca. 2011. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

CARDOSO, C. E. L. ; BUENO, A. ; SOUZA, L. D. ; SANTOS, V.S. ; SILVA, J. ; Ferreira Filho, J. R. ; CARVALHO, J. E. B. ; RANGEL, M. A. S. ; SILVA, H. S. A. ; ANDRADE, E. C. ; SOUZA, A. S. ; FERREIRA, C. F. ; Motta, J. S. ; COELHO, M. ; VIANA, E. S. ; OLIVEIRA, L. A. ; Jesus, J.L. ; Sousa, Mabel Ribeiro ; Diniz, M. S. . IV Curso Internacional sobre Técnicas de Cultivo e Processamento. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

CARDOSO, C. E. L. ; Ferreira Filho, J. R. ; SILVA, J. ; SOUZA, L.S. ; SOUZA, L. D. ; Motta, J. S. ; Diniz, M. S. ; VIANA, E. S. ; OLIVEIRA, L. A. ; Sousa, Mabel Ribeiro ; Jesus, J.L. . Curso sobre mandioca: produção e usos múltiplos na alimentação humana e animal. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

Motta, J. S. ; Diniz, M. S. ; RANGEL, M. A. S. ; Ferreira Filho, J. R. ; OLIVEIRA, L. A. ; VIANA, E. S. ; Almeida, T. D. . Curso sobre Processamento e Utilização da Mandioca. 2008. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

VIANA, E. S. ; OLIVEIRA, L. A. ; Almeida, T. D. ; Motta, J. S. ; Diniz, M. S. ; Ferreira Filho, J. R. . Curso sobre Múltiplos Usos da Mandioca na Alimentação Humana e Animal. 2008. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

VIANA, E. S. ; OLIVEIRA, L. A. . I Curso de Processamento de frutas. 2008. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

SILVA, R. M. ; GODOY, R. C. B. ; VIANA, E. S. ; OLIVEIRA, L. A. . I Curso de Processamento de frutas. 2008. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

Oliveira, C. A, Amorim, Edson Perito Oliveira, E. J. Dantas, J.L.L Junghans, D. T. Silva, S.O. SOARES FILHO, W. S. PASSOS, O. S. Ritzinger, R. Souza, F. V. D. CABRAL, J. R. S. SOUZA, A. S. Junghans, T. G. VIANA, E. S. OLIVEIRA, L. A. MEDINA, V. M. Cruz, J.L. Oliveira, J. R. P. FANCELLI, M. Oliveira, A. A. R. DITA, M.A. RITZINGER, C. H. S. P. Azevedo, C. L. L. SOUZA, L. D. Fonseca, N. , et al. SOUZA, L.S. Souza, L. F. S. SILVA, H. S. A. Borges, A. L. CARVALHO, J. E. B. Coleho Filho, M. A. Coelho, E. F. ALMEIDA, O. A. LIMA, M. B. Matos, A. P. Cordeiro, Z. J. M. Meissner Filho, P. E. ANDRADE, E. C. Sanches, N. F. Santos Filho, H. P. Carvalho, R. S. ; IV Curso Internacional sobre Produção de Frutas Tropicais. 2008. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

CARVALHO, J. E. B. ; Farias, A. R. N. ; DITA, M.A. ; Meissner Filho, P. E. ; OLIVEIRA, L. A. ; VIANA, E. S. ; Motta, J. S. ; Oliveira, S. L. ; COELHO, M. ; Ferreira Filho, J. R. ; SOUZA, L.S. ; SOUZA, L. D. ; Fukuda, W. M. G. ; SANTOS, V.S. . III Curso Internacional de Mandioca. 2007. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

CARDOSO, C. E. L. ; SOUZA, L.S. ; Fukuda, W. M. G. ; Diniz, M. S. ; Ferreira Filho, J. R. ; SANTOS, V.S. ; OLIVEIRA, L. A. ; Silva, C. M. . Curso sobre Produção, Processamento e Utilização da Mandioca. 2006. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

Projetos de pesquisa

  • 2019 - Atual

    Melhoramento genético de mandioca: ações integradas para o desenvolvimento de novas cultivares para alimentação e uso industrial - Fase II, Descrição: As cultivares de mandioca se separam em mansas e bravas, pelo teor de compostos cianogênicos das raízes. As mansas (<100 ppm) são consumidas cozidas, fritas ou sob a forma de chips, bolos e purês. Da mandioca brava (>100 ppm) produz-se farinha e amido. Cerca de 40% das raízes são destinadas à farinha, 20% para amido e o restante a mandioca de mesa e ração animal. A mandioca de mesa é produzida e consumida em todo o País. O mesmo ocorre com a produção da mandioca brava, mas a farinha é produzida e consumida principalmente no Norte e Nordeste, e a produção de amido se concentra no MS, SP e PR. Para indústria, o melhoramento busca alta estabilidade e produtividade de amido e resistência a pragas. O melhoramento para mesa busca qualidade de raiz (baixo teor de compostos cianogênicos, cozimento rápido e constante, maior teor de carotenoides, conservação pós-colheita), e resistência. A nova proposta de melhoramento, intitulada ?Melhoramento genético de mandioca: ações integradas para o desenvolvimento de novas cultivares para alimentação e uso industrial - Fase II?, tem por objetivo geral ?Disponibilizar cultivares de mandioca de mesa com alta qualidade nutricional e organoléptica e conservação pós-colheita, e cultivares para a indústria com alta produtividade, qualidade e estabilidade de amido, adaptadas às condições climáticas das principais regiões de cultivo do Brasil?.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Josefino de Freitas Fialho - Integrante / Hélio Wilson Lemos de Carvalho - Integrante / Jaeveson da Silva - Integrante / Marco Antônio Sedrez Rangel - Integrante / Rudiney Ringenberg - Integrante / Saulo Alves Santos de Oliveira - Integrante / Eduardo Alano Vieira - Integrante / Maurício Antônio Coelho Filho - Integrante / Everton Diel Souza - Integrante / OLIVEIRA, EDER JORGE DE - Integrante / Fabiana Fumi Cerqueira Sasaki - Integrante / Ronielli Cardoso Reis - Integrante / Vanderlei da Silva Santos - Coordenador / Alessandra de Camargo Vale - Integrante / Alessandra Keiko Nakasone Ishida - Integrante / Alfredo Augusto Cunha Alves - Integrante / Aloyseia Cristina Da Silva Noronha - Integrante / Ana Vania Carvalho - Integrante / Charles Martins de Oliveira - Integrante / Elisa Ferreira Moura Cunha - Integrante / Herminio Souza Rocha - Integrante / Marcela Silva Nascimento - Integrante / Maria Madalena Rinaldi - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2016 - Atual

    Influência da composição química de raízes de mandioca de mesa no tempo de cozimento, na qualidade da massa cozida e na aceitação sensorial, Descrição: A cultura da mandioca (Manihot esculenta Crantz) é bastante disseminada pelo Brasil, sendo amplo o leque de produtos derivados da mandioca de mesa ofertados no mercado. As raízes das variedades de mandioca destinadas à comercialização devem atender às exigências sensoriais e tecnológicas do consumidor, demonstrando sabor característico, textura macia e cozimento rápido. O tempo de cozimento correlaciona-se bem com a qualidade da massa cozida, sendo os fatores da qualidade da massa de maior importância: a textura, a plasticidade e a pegajosidade. A variação do tempo de cocção da mandioca de mesa acarreta prejuízo na demanda pelo produto, por isso o tempo de cocção é uma das principais características dentro do escopo do melhoramento da cultura. Para a mandioca de mesa, existem muitas lacunas no conhecimento dos fatores que interferem no cozimento das raízes a serem elucidadas. Assim, o presente projeto pretende caracterizar quimicamente clones que cozinham e não cozinham em três épocas de colheita, com vistas a determinar os compostos que mais influenciam no tempo de cozimento e na qualidade da massa cozida de raízes de mandioca.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Coordenador / Edy Sousa de Brito - Integrante / Jaciene Lopes de Jesus - Integrante / Marco Antônio Sedrez Rangel - Integrante / Carlos Wanderlei Piler de Carvalho - Integrante / Maurício Antônio Coelho Filho - Integrante / Jerônimo Ávito Gonçalves de Brito - Integrante / Carlos Alberto da Silva Ledo - Integrante / Aline Andréia Cavalari Corete - Integrante / Fabiana Fumi Cerqueira Sasaki - Integrante / Geany Peruch Camilloto - Integrante / Kirley Marques Canuto - Integrante / Lorena Mara Alexandre e Silva - Integrante / Marcelo Maraschin - Integrante / Renato Souza Cruz - Integrante / Olivia Reis Teixeira - Integrante / Paulo Riceli Vasconcelos Ribeiro - Integrante / Ronielli Cardoso Reis - Integrante / Vanderlei da Silva Santos - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2013 - 2018

    Biofortificação no Brasil - desenvolvendo produtos agrícolas mais nutritivos - Fase II, Descrição: Projeto multidisciplinar, coordenado pela pesquisadora Marília Regini Nutti do CTAA, Embrapa/RJ. O projeto visa desenvolver e disseminar alimentos básicos com alto teor de ferro, zinco e vitamina A. Além do melhoramento genético, o projeto envolve as etapas do estudo do processamento e impacto na saúde após o consumo. Conta com a participação de diversos pesquisadores da Embrapa além de colaboradores de universidades e outras instituições de pesquisa.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Hélio Wilson Lemos de Carvalho - Integrante / José Luiz Viana de Carvalho - Integrante / Mieko Kimura - Integrante / Vanderlei da Silva Santos - Integrante / Edson Watanabe - Integrante / Ronielli Cardoso Reis - Integrante / Marília Regini Nutti - Coordenador / Rosa Maria Vercelino ALVES - Integrante / Valéria Aparecida Vieira Queiroz - Integrante / Sidney Pacheco - Integrante / Paulo Evaristo Oliveira Guimarães - Integrante / Danielle Góes da Silva - Integrante / José Heitor Vasconcellos - Integrante / Maurisrael de Moura Rocha - Integrante / Milton Ferreira de Moraes - Integrante / Neuza Maria Brunoro Costa - Integrante / Pedro Luiz Scheeren - Integrante / Péricles Carvalho Neves - Integrante / Rita Mércia Estigarríbia Borges - Integrante / Solange Guidolin C. Brazaca - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2013 - 2018

    Melhoramento genético de mandioca: ações integradas para o desenvolvimento de novas cultivares para alimentação e uso industrial, Descrição: A ampla faixa de cultivo da mandioca, os problemas recorrentes relacionados ao ataque de pragas e as novas exigências de mercado, sobretudo para uso industrial, são desafios e oportunidades que devem ser atendidos pela pesquisa relacionada ao desenvolvimento de cultivares. Este projeto pretende atuar na avaliação e uso dos recursos genéticos de Manihot em busca de genes que propiciem características diferenciais de amido, resistência a pragas, déficit hídrico, frio, qualidade nutricional (carotenoides e proteínas) e deterioração fisiológica pós colheita, visando a geração de híbridos e populações segregantes de mandioca. Será feito o uso das ferramentas de biologia avançada para desenvolvimento de ações preventivas relacionadas à seleção assistida por marcadores para o vírus do mosaico e implementação da seleção genômica em mandioca para maximização da eficiência de seleção do programa de melhoramento genético. Também serão realizados trabalhos visando o uso da mandioca para alimentação animal e produção de etanol.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Josefino de Freitas Fialho - Integrante / Auro Akio Otsubo - Integrante / Hélio Wilson Lemos de Carvalho - Integrante / Vanderlei da Silva Santos - Coordenador / Eder Jorge de Oliveira - Integrante / Marco Antônio Sedrez Rangel - Integrante / Carlos Alberto Silva Ledo - Integrante / Fernanda Vidigal Duarte Souza - Integrante / Rudiney Ringenberg - Integrante / Saulo Alves Santos de Oliveira - Integrante / Carolina Vianna Morgante - Integrante / Magali Leonel - Integrante / Célia Maria Landi Franco - Integrante / Marília Lordêlo Cardoso Silva - Integrante / Carlos Wanderlei Piler de Carvalho - Integrante / Ronoel Luiz de Oliveira Godoy - Integrante / Roberto Lisboa Cunha - Integrante / Cristina Yoshie Takeiti - Integrante / Melicia Cintia Galdeano - Integrante / José Ernani Schwenber - Integrante / Eduardo Chumbinho Andrade - Integrante / Márcio Eduardo Canto Pereira - Integrante / Jailson Lopes Cruz - Integrante / Cláudia Fortes Ferrreira - Integrante / Eduardo Alano Vieira - Integrante / Helton Fleck da Silveira - Integrante / Luiz Joaquim Castelo Branco Carvalho - Integrante / Maurício Antônio Coelho Filho - Integrante / João Tomé de Farias Neto - Integrante / Everton Diel Souza - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2011 - 2014

    Mapeamento associativo em acessos do BAG-mandioca (Manihot esculenta Crantz) para qualidade de amido, Descrição: A cultura da mandioca (Manihot esculenta Crantz) exerce uma importância social muito evidente, sobretudo por ser alimento básico para quase um bilhão de pessoas em todo o mundo. A cultura é bastante disseminada pelo Brasil, sendo que o país é o terceiro maior produtor mundial, numa profunda demonstração da identificação entre essa planta e o povo brasileiro. A mandioca é utilizada na alimentação humana, animal e na indústria de processamento. A produção nacional em 2009 foi de 27,6 milhões de toneladas, ocupando uma área de aproximadamente 2 milhões de ha. Além disso, a mandioca é nativa do Brasil, o que garante ao país posição de destaque no cenário internacional em relação aos recursos genéticos dessa espécie. Embora a mandioca seja uma cultura de destaque, avanços ainda são necessários em relação ao lançamento de variedades mais produtivas, mais resistentes a doenças e com melhor qualidade de raiz; principalmente no que diz respeito à produção de amido, considerado uma das principais fontes de calorias na alimentação humana e que atualmente vem ganhando destaque na indústria alimentícia, dentre outras. Quanto ao teor de amido, a mandioca possui uma vantagem em relação a outras fontes por conter uma baixa concentração de proteínas e gordura em suas raízes. A relação amilose/amilopectina influencia as propriedades do amido e pode ser bem explorada nessa cultura. Por exemplo, amido com mais de 70% de amilose é mais difícil de ser digerido e portanto, pode ser indicado para ser usado na alimentação de diabéticos. Por outro lado, o amido sem amilose, tem mostrado ser útil na indústria de alimentos congelados. Sabe-se que a maioria das características de interesse econômico possui natureza genética complexa. Assim sendo, o uso de metodologias que permitam a identificação de genes associados a caracteres de interesse, de forma eficiente, é de grande utilidade no melhoramento dessa espécie. Uma das estratégias para se conseguir resultados práticos e rapidamente aplicado.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Vanderlei da Silva Santos - Integrante / Eder Jorge de Oliveira - Integrante / Onildo Nunes de Jesus - Integrante / Antônio Vargas de Oliveira Fiqueira - Integrante / Claudia Teixeira Guimaraes - Integrante / Ricardo Franco Cunha Moreira - Integrante / Cláudia Fortes Ferrreira - Coordenador.

  • 2010 - 2012

    Melhoramento de mandioca para alimentação e uso industrial, Descrição: Este projeto tem como objetivos a geração, avaliação e difusão de híbridos de mandioca para farinha e fécula, e biofortificados (alto teor de betacaroteno) de mesa, para cultivo no Nordeste, Norte, Centro-Oeste e Sul do Brasil. As ações do projeto são multidisciplinares com envolvimento de diversas instituições de pesquisa e extensão, além de universidades e empresas do setor privado com foco na geração, avaliação e recomendação de novas cultivares de mandioca. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Vanderlei da Silva Santos - Coordenador / Eder Jorge de Oliveira - Integrante / Marco Antônio Sedrez Rangel - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2010 - 2011

    Agroverde - Banco Ativo de Germoplasma de Mandioca: modernização da pesquisa para conservação e uso do germoplasma, Descrição: O projeto visa a reestruturação do Banco Ativo de Germoplasma de Mandioca (BAG-Mandioca) da Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical, por meio de ações estruturantes relacionadas à melhoria de infra-estrutura e de equipamentos. A proposta prevê ações de conservação in vitro de germoplasma, criopreservação, ampla caracterização morfológica, agronômica, molecular e nutricional de acessos de mandioca, visando seu efetivo uso no desenvolvimento de novos produtos.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Vanderlei da Silva Santos - Integrante / Eder Jorge de Oliveira - Coordenador / Claudia Fortes Ferreira - Integrante / Harllen Sandro Alves Silva - Integrante / Antonio da Silva Souza - Integrante / Eduardo Chumbinho de Andrade - Integrante / Fernanda Vidigal Duarte Souza - Integrante / Rudiney Ringenberg - Integrante / Saulo Alves Santos de Oliveira - Integrante., Financiador(es): Banco Internacional de Reconstrucao e Desenvolvimento (Banco Mundial) - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2012

    Biofortificação no Brasil - Promovendo melhor nutrição através do desenvolvimento de produtos agrícolas, Descrição: Projeto multidisciplinar, coordenado pela pesquisadora Marília Regini Nutti do CTAA, Embrapa/RJ. O projeto visa desenvolver e disseminar alimentos básicos com alto teor de ferro, zinco e vitamina A. Além do melhoramento genético, o projeto envolve as etapas do estudo do processamento e impacto na saúde após o consumo. Conta com a participação de diversos pesquisadores da Embrapa além de colaboradores de universidades e outras instituições de pesquisa.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Wânia Maria Gonçalves Fukuda - Integrante / Hélio Wilson Lemos de Carvalho - Integrante / José Luiz Viana de Carvalho - Integrante / Mieko Kimura - Integrante / Vanderlei da Silva Santos - Integrante / Edson Watanabe - Integrante / Marília Regini Nutti - Coordenador / Rosa Maria Vercelino ALVES - Integrante / Valéria Aparecida Vieira Queiroz - Integrante / Paulo Evaristo Oliveira Guimarães - Integrante / Danielle Góes da Silva - Integrante / José Heitor Vasconcellos - Integrante / Maurisrael de Moura Rocha - Integrante / Milton Ferreira de Moraes - Integrante / Neuza Maria Brunoro Costa - Integrante / Pedro Luiz Scheeren - Integrante / Péricles Carvalho Neves - Integrante / Rita Mércia Estigarríbia Borges - Integrante / Solange Guidolin C. Brazaca - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2010

    Produção de geléia dietética de umbu-cajá (spondias spp.): avaliação sensorial, física e físico-química, Descrição: A umbucajazeira é uma espécie nativa da região semiárida nordestina, explorada economicamente com base em seus frutos, consumidos em grande parte in natura. Os frutos apresentam grande potencial agroindustrial, principalmente para produção de geléia, agregando valor a essa fruteira. Objetivou-se com esse estudo, avaliar sensorialmente a elaboração de duas geléias de umbu-cajá, sendo uma dietética utilizando-se o xilitol como opção de substituição dos açúcares por apresentar menor valor calórico e ter o mesmo poder de doçura da sacarose e a outra convencional, oriundas de dois acessos e dois estádios de maturação. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Coordenador / Maria Eugênia de Oliveira Mamede - Integrante / Eliseth de Souza Viana - Integrante / Leonardo Dib de Carvalho - Integrante., Financiador(es): Embrapa Mandioca e Fruticultura - Auxílio financeiro.

  • 2008 - 2011

    Estratégias para o melhoramento genético da bananeira, Descrição: O Brasil é o quarto produtor mundial de banana, tendo produzido 7,0 milhões de toneladas em 2006, em uma área aproximada de 500 mil hectares. As cultivares mais usadas no Brasil são suscetíveis às Sigatokas negra e amarela, e à exceção da Grande Naine, apresentam também suscetibilidade ao mal-do-Panamá. O controle das Sigatokas tem sido feito pelo uso de defensivos agrícolas, porém, estes produtos químicos têm impacto direto no meio ambiente e na saúde. Por outro lado, um controle viável destas doenças pode ser obtido com o uso de variedades resistentes, criadas por meio do melhoramento genético convencional. Este projeto tem como objetivo realizar o melhoramento genético da bananeira visando o desenvolvimento de novas cultivares produtivas, com boas características agronômicas e resistência a pragas. Serão realizadas sete atividades, nas quais serão criados, avaliados e selecionados diplóides, triplóides e tetraplóides de bananeira que apresentem boas características agronômicas; avaliados diplóides e tetraplóides para resistência a Sigatoka negra; quantificados os teores de compostos funcionais em cultivares de bananeira desenvolvidas pela Embrapa; indexados para os principais vírus cultivares desenvolvidos pela Embrapa; avaliados híbridos tetraplóides de bananeira em três diferentes regiões brasileiras e caracterizados agronomicamente e por meio de marcadores moleculares do tipo microssatélites (SSR) os diplóides melhorados de bananeira desenvolvidos pela Embrapa.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Edson Perito Amorim - Coordenador / Sebastião de Oliveira e Silva - Integrante / Carlos Alberto da Silva Ledo - Integrante / Eliseth de Souza Viana - Integrante / José Lúcio Neto - Integrante / Ana da Silva Ledo - Integrante / Claudia Fortes Ferreira - Integrante / Janay Almeida dos Santos-Serejo - Integrante / Kelly de Oliveira Cohen - Integrante / Miguel Angel Dita Rodríguez - Integrante / Vanusia Batista de Oliveira Amorim - Integrante / Zilton José Maciel Maciel Cordeiro - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia - Auxílio financeiro.

  • 2008 - 2010

    Avaliação de características físicas, físico-químicas e sensoriais de frutos de umbu-cajazeira com vistas à exploração de seu potencial funcional e aplicação na indústria alimentícia, Descrição: O Nordeste brasileiro é rico em fruteiras nativas e, apesar de muitas apresentarem ampla perspectiva de aproveitamento econômico, poucas são exploradas e, na maioria das vezes de forma extrativista, dada à falta de informações que possibilitem sua exploração comercial. A umbu-cajazeira é considerada um espécie nativa típica da região semi-árida, explorada economicamente com base em seus frutos, que normalmente são consumidos in natura. No entanto, a grande variabilidade de tamanho, sabor, cor e aroma demonstra a importância da seleção de genótipos promissores comercialmente. Por meio de levantamentos bibliográficos evidenciou-se a existência de poucas informações sobre o umbu-cajá na base de dados. Informações relevantes como conteúdo de proteína, fibras, pectina, cinzas, lipídeos, açúcares redutores e totais, enzimas, vitaminas, carotenóides e compostos fenólicos não foram ainda explorados e publicados na literatura nacional ou internacional. Verifica-se também uma carência de informações no que diz respeito às alternativas para processamento dos frutos, com vistas a uma maior exploração do potencial desta fruteira pelas famílias do nordeste brasileiro ou comercialização dos frutos para mercados mais distantes. Objetivo: Avaliar a composição dos frutos de diferentes acessos pré-selecionados de umbu-cajazeira incluindo o conteúdo de pigmentos e de enzimas deteriorantes, com vistas à obtenção de subsídios para a seleção de variedades comerciais mais apropriadas ao consumo in natura e ao uso na industria alimentícia. Objetivos Específicos 1) Realizar a caracterização física, físico-química e bioquímica de diferentes acessos de frutos da umbu-cajazeira oriundos da região semi-árida e subumida do estado da Bahia; 2) avaliar o potencial funcional dos frutos, no que diz respeito ao conteúdo de carotenóides; 3) avaliar o potencial de uso do umbu-cajá para o desenvolvimento de novos produtos; 4) investigar o índice de aceitação dos frutos in natura e dos produtos processado. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (2) . , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Eliseth de Souza Viana - Coordenador / Maria Gabriela Bello Koblitz - Integrante / Flavio de Souza Neves Cardoso - Integrante / Mieko Kimura - Integrante / Ricardo Luís Cardoso - Integrante / Maria Cristina Dantas Vanetti - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2007 - 2011

    Atributos de qualidade e aceitabilidade sensorial de bananas resistentes à Sigatoka Negra, Descrição: Avaliar os atributos de qualidade de cultivares de bananas resistentes á Sigatoka negra, para consumo in natura, e a aceitação pelo consumidor em diferentes regiões do país, comparando-os com cultivares comerciais, susceptíveis à doença.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Rossana Catie Bueno de Godoy - Integrante / Deborah dos Santos Garruti - Coordenador / Ebenezer de Oliveira Silva - Integrante / Olmar Belle Weber - Integrante / Heliofabia Virgínia de Vasconcelos Facundo - Integrante / Janice Ribeiro Lima - Integrante., Financiador(es): Banco do Nordeste do Brasil - Auxílio financeiro.

  • 2006 - 2010

    Rede de Nanotecnologia aplicada ao agronegócio, Descrição: Projeto de Nanotecnologia aplicada ao agronegócio - MP1 Período: 09/2006 à 08/2010.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Luiz Henrique Capparelli Mattoso - Coordenador / Humberto de Mello Brandão - Integrante / Wilson Tadeu Lopes da Silva - Integrante / William Ferreira Alves - Integrante / Soraya Teixeira Silva - Integrante / Sandra Helena Prudêncio Ferreira - Integrante / Rubens Bernardes Filho - Integrante / Ricardo Camargo - Integrante / Rejane Cristina Trombini Ferreira - Integrante / Rafael Moysés Alves - Integrante / Pedro Paulo Pires - Integrante / Paulo Sérgio de Paula Herrmann Jr. - Integrante / Odilon Reny Ribeiro Ferreira da Silva - Integrante / Mercedes C. C. Panizzi - Integrante / Mauro Celso Zanus - Integrante / Marcus Vasconcelos - Integrante / Lúcia Helena Mascaro - Integrante / Leonardo Giordano Paterno - Integrante / Josemeyre Bonifácio da Silva - Integrante / José Furlan Junior - Integrante / João de Mendonça Naime - Integrante / Fernando Josepetti Fonseca - Integrante / Ernesto Chaves Pereira de Souza - Integrante / Éliton Souto de Medeiros - Integrante / Cristiano Gomes - Integrante / Cláudio Martin Jonsson - Integrante / Carlos Manoel Pedro Vaz - Integrante / Antonio Agostinho Müller - Integrante / Ana Rita Araújo Nogueira - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2006 - 2009

    Melhoramento de Mandioca para Biofortificação e para a Indústria da Farinha e Fécula, Descrição: O projeto tem como objetivos gerar, adaptar e difundir novos híbridos de mandioca com altos teores de betacarotenos nas raízes, qualidade para o consumo fresco e para a indústria do amido e farinha. Espera-se identificar e desenvolver genótipos de mandioca com elevados teores de betacaroteno e de farinha nas raízes, melhor qualidade de amido para uso industrial e qualidade para o consumo fresco.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Wânia Gonçalves Fukuda - Coordenador / Vanderley da Silva Santos - Integrante / Márcio Canto Pereira - Integrante / Chigeru Fukuda - Integrante / Josefino de Freitas Fialho - Integrante / Auro Akio Otsubo - Integrante / Hélio Wilson Lemos de Carvalho - Integrante / José Oscar Lustosa de Oliveira Júnior - Integrante / João Gomes da Costa - Integrante / José Orestes Merola de Carvalho - Integrante / Amauri Siviero - Integrante / José Jackson Xavier - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2005

    Otimização da produção de xilanase por Penicillium janthinellum no sistema de duas fases aquosas composto de polietilenoglicol e polissacarídeo da goma de cajueiro, Descrição: A fermentação extrativa, um processo que integra produção e recuperação in situ, é o método de escolha para aumentar o baixo rendimento dos processos de fermentação convencionais. O fungo Penicillium janthinellum tem sido cultivado no sistema de duas fases aquosas PEG/polissacarídeo da goma de cajueiro para a produção de xilanase, como um sistema modelo.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Coordenador / Gabrielle Mendes Lima - Integrante / Cristiane Vieira Bomfim - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa de Sergipe - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 3

  • 2004 - 2004

    Adequação Tecnológica das Casas-de-Farinha do Estado de Sergipe, Descrição: O Projeto Casa-de-Farinha tem por finalidade o aperfeiçoamento da tecnologia de produto e de processo dos produtos: farinha, tapioca e bolinho de goma. A farinha é consumida por toda a população. Nas camadas de menor renda, trata-se de alimento básico. Nas classes de maior poder aquisitivo ela consumida pelo menos sob a forma de farofa. Os outros dois produtos, muito embora não sejam tão consumidos quanto a farinha, representam alternativas de grande suporte de agregação de valor no processamento da mandioca. Produzidos em mais de 600 casas-de-farinha espalhadas por todos os municípios sergipanos, respondem pelo emprego de um grande contingente de mão-de-obra alocado no plantio, nos tratos cultuais, na colheita, no transporte, no beneficiamento e na comercialização. Para efeito de destaque, não existe em Sergipe mercearia, supermercado ou feira que não comercialize pelo menos a farinha. Apesar dessa abrangência, o que retrata a importância da atividade, os produtores são remunerados de modo aviltante, quer pela ação de atravessadores, quer pelo alto índice de desperdício. Além disso, os produtos são obtidos de modo inteiramente reprovável do ponto de vista industrial, de higiene e ambiental, desde o preparo da matéria-prima até o acondicionamento, requerendo portanto a adoção de novos métodos e técnicas, não só por uma questão puramente econômica, mas principalmente como medida para salvaguardar a saúde da população e reduzir os impactos ambientais da atividade. O presente projeto visa aperfeiçoar as tecnologias de produto e de processo, tanto do ponto de vista técnico quanto econômico, sanitário e ambiental, que possam ser absorvíveis pelos atuais operadores das casas-de-farinha, e que implique produzir com melhor qualidade, melhor higiene, a menores preços e com menor impacto ambiental.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / André Luis Dantas Ramos - Coordenador / Benjamin de Aguiar Machado Sobrinho - Integrante / José Jailton Marques - Integrante / Juliano Éverton Teixeira de Castro - Integrante / Carina Siqueira de Souza - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

Projetos de desenvolvimento

  • 2007 - 2009

    Métodos não convencionais de processamento de sucos de frutas, Descrição: A busca crescente pela preservação da qualidade dos alimentos, tanto os processados como aqueles consumidos in natura, tem levado as indústrias a pesquisar as melhores formas de conservá-los. Desta forma, tem-se avançado muito nos métodos de conservação em nível de pós-colheita e de alimentos processados. A conservação de sucos de frutas tem sido realizada tradicionalmente através do uso de calor e/ou da adição de conservadores químicos, o que pode alterar o aroma, o sabor e o perfil nutricional dos produtos, uma vez que estes atributos são conferidos por substâncias termo-sensíveis. Além disso, muitos países vêm restringindo a comercialização de produtos que contenham aditivos químicos na sua formulação. O progresso no entendimento técnico-científico dos métodos que envolvem tratamento térmico levou ao surgimento de tecnologias que minimizam os efeitos adversos do calor, e tem levado à intensificação dos estudos para a busca de tecnologias alternativas. Dentre esses métodos, incluem-se os tratamentos por alta pressão hidrostática, por membranas, por ultrasom, irradiação (gama e X), por campos magnéticos ou elétricos. A concentração de sucos reduz custos de armazenamento, transporte e minimiza a deterioração por microrganismos. Também é realizada pelo uso do calor, o que pode reduzir a qualidade dos produtos. Osmose inversa e evaporação osmótica são processos de separação com membranas que podem ser aplicados como alternativa à concentração térmica. A encapsulação por atomização é uma outra técnica que resulta em produtos mais estáveis na forma de pó. O Brasil possui uma grande diversidade de frutas, que apresentam características nutricionais e sensoriais distintas, e que, se corretamente processadas, podem contribuir para o desenvolvimento do agronegócio, com produtos de qualidade. Este projeto tem por objetivo avaliar o uso de processos não convencionais de conservação e concentração de sucos de frutas. Foram selecionados os processos de alta pressão, irradiação. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Amauri Rosenthal - Integrante / Lourdes Maria Correa Cabral - Coordenador / Sueli pereira Freitas - Integrante / Angela Aparecida de Lemos Furtado - Integrante / Virginia M da Matta - Integrante / Murillo Freire Jr - Integrante / Edy Sousa de Brito - Integrante / Luiz Antônio Rizzon - Integrante / Maria Auxiliadora C. de Lima - Integrante / Aparecida Claret - Integrante / Rafaella de Andrade Mattieto - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2008

    Aipim orgânico - viabilização da cultura na agricultura familiar do recôncavo baiano, Descrição: Produtos de alta qualidade são importante para agregar valor e garantir a comercialização. O uso de sistemas orgânicos de produção vegetal podem ser importante para garantir tais objetivos, além de aumentar a sustentabilidade agrícola. Os experimentos do projeto iniciaram em agosto de 2005, em três localidades do Recôncavo Baiano avaliando-se cultivares e adubos orgânicos. Os tratamentos para o experimento com adubção orgânica foram: testemunha (sem adubo), farinha de rocha, fosfato de rocha, urina de vaca, esterco de gado, composto, urina+farinha de rocha, urina+fosfato de rocha, esterco+farinha de rocha, esterco+fosfato de rocha. No outro experimento avaliou-se oito cultivares de aipim, oriundas da Embrapa e agricultores. Este foi adubado com esterco+fosfato de rocha. A colheita iniciou-se em junho de 2006. Logo após, novos experimentos foram realizados, considerando os melhores tratamentos e a inserção de outros, tais como a manipueira (subproduto do processo de fabricação da farinha de mandioca) e de cultivares recém lançados. Foram avaliados dados de crescimento das plantas e de produtividade, qualidade de pós-colheita e cozimento das raízes. Integrei-me à equipe do projeto a partir de 2007 e participei dos estudos de pós-colheita da mandioca in natura com casca submetida a tratamentos com parafina e com a mandioca minimamente processada submetida a diferentes tratamentos a fim de aumentar sua vida-de-prateleira. Foram realizadas análises microbiológicas e físico-químicas e verifcou-se que alguns tratamentos promoveram pelo menos 30 dias de vida útil do produto. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Wânia Maria Gonçalves Fukuda - Integrante / Eliseth de Souza Viana - Integrante / Carlos Estevão Leite Cardoso - Integrante / Aldo Vilar Trindade - Integrante / Marcio Eduardo Pereira Canto - Integrante / Carlos Alberto Ledo - Integrante / Ana Cristina Soares Fermino - Integrante / Jaeveson da Silva - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia - Auxílio financeiro.Número de orientações: 1

  • 2004 - 2008

    Desenvolvimento de extrato hidrossolúvel de soja com polpas de frutas tropicais, Descrição: A soja tem tido significativo avanço na Região Nordeste, principalmente no Estado da Bahia, com um crescimento de 54%, em área, no período de seis anos. Dentre as fontes vegetais com potencial de uso na dieta humana, a soja é a que possui maior teor de proteínas de boa qualidade, constituindo alternativa viável para solucionar problemas de desnutrição. No Brasil estima-se que 5 milhões de crianças estejam desnutridas sendo que a desnutrição energético protéica é a principal. Apesar das potencialidades de aproveitamento e do teor protéico, o consumo de produtos elaborados com soja é baixo, no Brasil, por questões culturais, econômicas e problemas de natureza sensorial. O extrato hidrossolúvel de soja, "leite de soja", é uma bebida com notável valor nutricional e propriedades funcionais, podendo ser ingerido na forma líquida ou em pó. A elaboração do extrato hidrossolúvel de soja exige ajustes tecnológicos a fim de minimizar o sabor indesejável sendo que, uma das opções seria a adição de polpa de frutas tropicais ao extrato, contribuindo também para o enriquecimento vitamínico do extrato. Pretende-se desenvolver extrato hidrossolúvel de soja com polpas de frutas tropicais, ainda não disponíveis no mercado interno, de sabor agradável e com potencial nutricional. A obtenção de um novo produto significa oportunidade de investimento no segmento agrícola e agregação de valor às matérias primas.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Rossana Catie Bueno de Godoy - Coordenador / Deborah dos Santos Garruti - Integrante / Rosires Deliza - Integrante / Henriette Monteiro Cordeiro de Azeredo - Integrante / Vera de Toledo Benassi - Integrante., Financiador(es): Banco do Nordeste do Brasil S/A - Auxílio financeiro.

  • 2007 - 2009

    Métodos não convencionais de processamento de sucos de frutas, Descrição: A busca crescente pela preservação da qualidade dos alimentos, tanto os processados como aqueles consumidos in natura, tem levado as indústrias a pesquisar as melhores formas de conservá-los. Desta forma, tem-se avançado muito nos métodos de conservação em nível de pós-colheita e de alimentos processados. A conservação de sucos de frutas tem sido realizada tradicionalmente através do uso de calor e/ou da adição de conservadores químicos, o que pode alterar o aroma, o sabor e o perfil nutricional dos produtos, uma vez que estes atributos são conferidos por substâncias termo-sensíveis. Além disso, muitos países vêm restringindo a comercialização de produtos que contenham aditivos químicos na sua formulação. O progresso no entendimento técnico-científico dos métodos que envolvem tratamento térmico levou ao surgimento de tecnologias que minimizam os efeitos adversos do calor, e tem levado à intensificação dos estudos para a busca de tecnologias alternativas. Dentre esses métodos, incluem-se os tratamentos por alta pressão hidrostática, por membranas, por ultrasom, irradiação (gama e X), por campos magnéticos ou elétricos. A concentração de sucos reduz custos de armazenamento, transporte e minimiza a deterioração por microrganismos. Também é realizada pelo uso do calor, o que pode reduzir a qualidade dos produtos. Osmose inversa e evaporação osmótica são processos de separação com membranas que podem ser aplicados como alternativa à concentração térmica. A encapsulação por atomização é uma outra técnica que resulta em produtos mais estáveis na forma de pó. O Brasil possui uma grande diversidade de frutas, que apresentam características nutricionais e sensoriais distintas, e que, se corretamente processadas, podem contribuir para o desenvolvimento do agronegócio, com produtos de qualidade. Este projeto tem por objetivo avaliar o uso de processos não convencionais de conservação e concentração de sucos de frutas. Foram selecionados os processos de alta pressão, irradiação. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Amauri Rosenthal - Integrante / Lourdes Maria Correa Cabral - Coordenador / Sueli pereira Freitas - Integrante / Angela Aparecida de Lemos Furtado - Integrante / Virginia M da Matta - Integrante / Murillo Freire Jr - Integrante / Edy Sousa de Brito - Integrante / Luiz Antônio Rizzon - Integrante / Maria Auxiliadora C. de Lima - Integrante / Aparecida Claret - Integrante / Rafaella de Andrade Mattieto - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2008

    Aipim orgânico - viabilização da cultura na agricultura familiar do recôncavo baiano, Descrição: Produtos de alta qualidade são importante para agregar valor e garantir a comercialização. O uso de sistemas orgânicos de produção vegetal podem ser importante para garantir tais objetivos, além de aumentar a sustentabilidade agrícola. Os experimentos do projeto iniciaram em agosto de 2005, em três localidades do Recôncavo Baiano avaliando-se cultivares e adubos orgânicos. Os tratamentos para o experimento com adubção orgânica foram: testemunha (sem adubo), farinha de rocha, fosfato de rocha, urina de vaca, esterco de gado, composto, urina+farinha de rocha, urina+fosfato de rocha, esterco+farinha de rocha, esterco+fosfato de rocha. No outro experimento avaliou-se oito cultivares de aipim, oriundas da Embrapa e agricultores. Este foi adubado com esterco+fosfato de rocha. A colheita iniciou-se em junho de 2006. Logo após, novos experimentos foram realizados, considerando os melhores tratamentos e a inserção de outros, tais como a manipueira (subproduto do processo de fabricação da farinha de mandioca) e de cultivares recém lançados. Foram avaliados dados de crescimento das plantas e de produtividade, qualidade de pós-colheita e cozimento das raízes. Integrei-me à equipe do projeto a partir de 2007 e participei dos estudos de pós-colheita da mandioca in natura com casca submetida a tratamentos com parafina e com a mandioca minimamente processada submetida a diferentes tratamentos a fim de aumentar sua vida-de-prateleira. Foram realizadas análises microbiológicas e físico-químicas e verifcou-se que alguns tratamentos promoveram pelo menos 30 dias de vida útil do produto. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Wânia Maria Gonçalves Fukuda - Integrante / Eliseth de Souza Viana - Integrante / Carlos Estevão Leite Cardoso - Integrante / Aldo Vilar Trindade - Integrante / Marcio Eduardo Pereira Canto - Integrante / Carlos Alberto Ledo - Integrante / Ana Cristina Soares Fermino - Integrante / Jaeveson da Silva - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia - Auxílio financeiro.Número de orientações: 1

  • 2004 - 2008

    Desenvolvimento de extrato hidrossolúvel de soja com polpas de frutas tropicais, Descrição: A soja tem tido significativo avanço na Região Nordeste, principalmente no Estado da Bahia, com um crescimento de 54%, em área, no período de seis anos. Dentre as fontes vegetais com potencial de uso na dieta humana, a soja é a que possui maior teor de proteínas de boa qualidade, constituindo alternativa viável para solucionar problemas de desnutrição. No Brasil estima-se que 5 milhões de crianças estejam desnutridas sendo que a desnutrição energético protéica é a principal. Apesar das potencialidades de aproveitamento e do teor protéico, o consumo de produtos elaborados com soja é baixo, no Brasil, por questões culturais, econômicas e problemas de natureza sensorial. O extrato hidrossolúvel de soja, "leite de soja", é uma bebida com notável valor nutricional e propriedades funcionais, podendo ser ingerido na forma líquida ou em pó. A elaboração do extrato hidrossolúvel de soja exige ajustes tecnológicos a fim de minimizar o sabor indesejável sendo que, uma das opções seria a adição de polpa de frutas tropicais ao extrato, contribuindo também para o enriquecimento vitamínico do extrato. Pretende-se desenvolver extrato hidrossolúvel de soja com polpas de frutas tropicais, ainda não disponíveis no mercado interno, de sabor agradável e com potencial nutricional. A obtenção de um novo produto significa oportunidade de investimento no segmento agrícola e agregação de valor às matérias primas.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Rossana Catie Bueno de Godoy - Coordenador / Deborah dos Santos Garruti - Integrante / Rosires Deliza - Integrante / Henriette Monteiro Cordeiro de Azeredo - Integrante / Vera de Toledo Benassi - Integrante., Financiador(es): Banco do Nordeste do Brasil S/A - Auxílio financeiro.

  • 2007 - 2009

    Métodos não convencionais de processamento de sucos de frutas, Descrição: A busca crescente pela preservação da qualidade dos alimentos, tanto os processados como aqueles consumidos in natura, tem levado as indústrias a pesquisar as melhores formas de conservá-los. Desta forma, tem-se avançado muito nos métodos de conservação em nível de pós-colheita e de alimentos processados. A conservação de sucos de frutas tem sido realizada tradicionalmente através do uso de calor e/ou da adição de conservadores químicos, o que pode alterar o aroma, o sabor e o perfil nutricional dos produtos, uma vez que estes atributos são conferidos por substâncias termo-sensíveis. Além disso, muitos países vêm restringindo a comercialização de produtos que contenham aditivos químicos na sua formulação. O progresso no entendimento técnico-científico dos métodos que envolvem tratamento térmico levou ao surgimento de tecnologias que minimizam os efeitos adversos do calor, e tem levado à intensificação dos estudos para a busca de tecnologias alternativas. Dentre esses métodos, incluem-se os tratamentos por alta pressão hidrostática, por membranas, por ultrasom, irradiação (gama e X), por campos magnéticos ou elétricos. A concentração de sucos reduz custos de armazenamento, transporte e minimiza a deterioração por microrganismos. Também é realizada pelo uso do calor, o que pode reduzir a qualidade dos produtos. Osmose inversa e evaporação osmótica são processos de separação com membranas que podem ser aplicados como alternativa à concentração térmica. A encapsulação por atomização é uma outra técnica que resulta em produtos mais estáveis na forma de pó. O Brasil possui uma grande diversidade de frutas, que apresentam características nutricionais e sensoriais distintas, e que, se corretamente processadas, podem contribuir para o desenvolvimento do agronegócio, com produtos de qualidade. Este projeto tem por objetivo avaliar o uso de processos não convencionais de conservação e concentração de sucos de frutas. Foram selecionados os processos de alta pressão, irradiação. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Amauri Rosenthal - Integrante / Lourdes Maria Correa Cabral - Coordenador / Sueli pereira Freitas - Integrante / Angela Aparecida de Lemos Furtado - Integrante / Virginia M da Matta - Integrante / Murillo Freire Jr - Integrante / Edy Sousa de Brito - Integrante / Luiz Antônio Rizzon - Integrante / Maria Auxiliadora C. de Lima - Integrante / Aparecida Claret - Integrante / Rafaella de Andrade Mattieto - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2008

    Aipim orgânico - viabilização da cultura na agricultura familiar do recôncavo baiano, Descrição: Produtos de alta qualidade são importante para agregar valor e garantir a comercialização. O uso de sistemas orgânicos de produção vegetal podem ser importante para garantir tais objetivos, além de aumentar a sustentabilidade agrícola. Os experimentos do projeto iniciaram em agosto de 2005, em três localidades do Recôncavo Baiano avaliando-se cultivares e adubos orgânicos. Os tratamentos para o experimento com adubção orgânica foram: testemunha (sem adubo), farinha de rocha, fosfato de rocha, urina de vaca, esterco de gado, composto, urina+farinha de rocha, urina+fosfato de rocha, esterco+farinha de rocha, esterco+fosfato de rocha. No outro experimento avaliou-se oito cultivares de aipim, oriundas da Embrapa e agricultores. Este foi adubado com esterco+fosfato de rocha. A colheita iniciou-se em junho de 2006. Logo após, novos experimentos foram realizados, considerando os melhores tratamentos e a inserção de outros, tais como a manipueira (subproduto do processo de fabricação da farinha de mandioca) e de cultivares recém lançados. Foram avaliados dados de crescimento das plantas e de produtividade, qualidade de pós-colheita e cozimento das raízes. Integrei-me à equipe do projeto a partir de 2007 e participei dos estudos de pós-colheita da mandioca in natura com casca submetida a tratamentos com parafina e com a mandioca minimamente processada submetida a diferentes tratamentos a fim de aumentar sua vida-de-prateleira. Foram realizadas análises microbiológicas e físico-químicas e verifcou-se que alguns tratamentos promoveram pelo menos 30 dias de vida útil do produto. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Wânia Maria Gonçalves Fukuda - Integrante / Eliseth de Souza Viana - Integrante / Carlos Estevão Leite Cardoso - Integrante / Aldo Vilar Trindade - Integrante / Marcio Eduardo Pereira Canto - Integrante / Carlos Alberto Ledo - Integrante / Ana Cristina Soares Fermino - Integrante / Jaeveson da Silva - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia - Auxílio financeiro.Número de orientações: 1

  • 2004 - 2008

    Desenvolvimento de extrato hidrossolúvel de soja com polpas de frutas tropicais, Descrição: A soja tem tido significativo avanço na Região Nordeste, principalmente no Estado da Bahia, com um crescimento de 54%, em área, no período de seis anos. Dentre as fontes vegetais com potencial de uso na dieta humana, a soja é a que possui maior teor de proteínas de boa qualidade, constituindo alternativa viável para solucionar problemas de desnutrição. No Brasil estima-se que 5 milhões de crianças estejam desnutridas sendo que a desnutrição energético protéica é a principal. Apesar das potencialidades de aproveitamento e do teor protéico, o consumo de produtos elaborados com soja é baixo, no Brasil, por questões culturais, econômicas e problemas de natureza sensorial. O extrato hidrossolúvel de soja, "leite de soja", é uma bebida com notável valor nutricional e propriedades funcionais, podendo ser ingerido na forma líquida ou em pó. A elaboração do extrato hidrossolúvel de soja exige ajustes tecnológicos a fim de minimizar o sabor indesejável sendo que, uma das opções seria a adição de polpa de frutas tropicais ao extrato, contribuindo também para o enriquecimento vitamínico do extrato. Pretende-se desenvolver extrato hidrossolúvel de soja com polpas de frutas tropicais, ainda não disponíveis no mercado interno, de sabor agradável e com potencial nutricional. A obtenção de um novo produto significa oportunidade de investimento no segmento agrícola e agregação de valor às matérias primas.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Rossana Catie Bueno de Godoy - Coordenador / Deborah dos Santos Garruti - Integrante / Rosires Deliza - Integrante / Henriette Monteiro Cordeiro de Azeredo - Integrante / Vera de Toledo Benassi - Integrante., Financiador(es): Banco do Nordeste do Brasil S/A - Auxílio financeiro.

  • 2007 - 2009

    Métodos não convencionais de processamento de sucos de frutas, Descrição: A busca crescente pela preservação da qualidade dos alimentos, tanto os processados como aqueles consumidos in natura, tem levado as indústrias a pesquisar as melhores formas de conservá-los. Desta forma, tem-se avançado muito nos métodos de conservação em nível de pós-colheita e de alimentos processados. A conservação de sucos de frutas tem sido realizada tradicionalmente através do uso de calor e/ou da adição de conservadores químicos, o que pode alterar o aroma, o sabor e o perfil nutricional dos produtos, uma vez que estes atributos são conferidos por substâncias termo-sensíveis. Além disso, muitos países vêm restringindo a comercialização de produtos que contenham aditivos químicos na sua formulação. O progresso no entendimento técnico-científico dos métodos que envolvem tratamento térmico levou ao surgimento de tecnologias que minimizam os efeitos adversos do calor, e tem levado à intensificação dos estudos para a busca de tecnologias alternativas. Dentre esses métodos, incluem-se os tratamentos por alta pressão hidrostática, por membranas, por ultrasom, irradiação (gama e X), por campos magnéticos ou elétricos. A concentração de sucos reduz custos de armazenamento, transporte e minimiza a deterioração por microrganismos. Também é realizada pelo uso do calor, o que pode reduzir a qualidade dos produtos. Osmose inversa e evaporação osmótica são processos de separação com membranas que podem ser aplicados como alternativa à concentração térmica. A encapsulação por atomização é uma outra técnica que resulta em produtos mais estáveis na forma de pó. O Brasil possui uma grande diversidade de frutas, que apresentam características nutricionais e sensoriais distintas, e que, se corretamente processadas, podem contribuir para o desenvolvimento do agronegócio, com produtos de qualidade. Este projeto tem por objetivo avaliar o uso de processos não convencionais de conservação e concentração de sucos de frutas. Foram selecionados os processos de alta pressão, irradiação. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Amauri Rosenthal - Integrante / Lourdes Maria Correa Cabral - Coordenador / Sueli pereira Freitas - Integrante / Angela Aparecida de Lemos Furtado - Integrante / Virginia M da Matta - Integrante / Murillo Freire Jr - Integrante / Edy Sousa de Brito - Integrante / Luiz Antônio Rizzon - Integrante / Maria Auxiliadora C. de Lima - Integrante / Aparecida Claret - Integrante / Rafaella de Andrade Mattieto - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2008

    Desenvolvimento de extrato hidrossolúvel de soja com polpas de frutas tropicais, Descrição: A soja tem tido significativo avanço na Região Nordeste, principalmente no Estado da Bahia, com um crescimento de 54%, em área, no período de seis anos. Dentre as fontes vegetais com potencial de uso na dieta humana, a soja é a que possui maior teor de proteínas de boa qualidade, constituindo alternativa viável para solucionar problemas de desnutrição. No Brasil estima-se que 5 milhões de crianças estejam desnutridas sendo que a desnutrição energético protéica é a principal. Apesar das potencialidades de aproveitamento e do teor protéico, o consumo de produtos elaborados com soja é baixo, no Brasil, por questões culturais, econômicas e problemas de natureza sensorial. O extrato hidrossolúvel de soja, "leite de soja", é uma bebida com notável valor nutricional e propriedades funcionais, podendo ser ingerido na forma líquida ou em pó. A elaboração do extrato hidrossolúvel de soja exige ajustes tecnológicos a fim de minimizar o sabor indesejável sendo que, uma das opções seria a adição de polpa de frutas tropicais ao extrato, contribuindo também para o enriquecimento vitamínico do extrato. Pretende-se desenvolver extrato hidrossolúvel de soja com polpas de frutas tropicais, ainda não disponíveis no mercado interno, de sabor agradável e com potencial nutricional. A obtenção de um novo produto significa oportunidade de investimento no segmento agrícola e agregação de valor às matérias primas.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Rossana Catie Bueno de Godoy - Coordenador / Deborah dos Santos Garruti - Integrante / Rosires Deliza - Integrante / Henriette Monteiro Cordeiro de Azeredo - Integrante / Vera de Toledo Benassi - Integrante., Financiador(es): Banco do Nordeste do Brasil S/A - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2008

    Aipim orgânico - viabilização da cultura na agricultura familiar do recôncavo baiano, Descrição: Produtos de alta qualidade são importante para agregar valor e garantir a comercialização. O uso de sistemas orgânicos de produção vegetal podem ser importante para garantir tais objetivos, além de aumentar a sustentabilidade agrícola. Os experimentos do projeto iniciaram em agosto de 2005, em três localidades do Recôncavo Baiano avaliando-se cultivares e adubos orgânicos. Os tratamentos para o experimento com adubção orgânica foram: testemunha (sem adubo), farinha de rocha, fosfato de rocha, urina de vaca, esterco de gado, composto, urina+farinha de rocha, urina+fosfato de rocha, esterco+farinha de rocha, esterco+fosfato de rocha. No outro experimento avaliou-se oito cultivares de aipim, oriundas da Embrapa e agricultores. Este foi adubado com esterco+fosfato de rocha. A colheita iniciou-se em junho de 2006. Logo após, novos experimentos foram realizados, considerando os melhores tratamentos e a inserção de outros, tais como a manipueira (subproduto do processo de fabricação da farinha de mandioca) e de cultivares recém lançados. Foram avaliados dados de crescimento das plantas e de produtividade, qualidade de pós-colheita e cozimento das raízes. Integrei-me à equipe do projeto a partir de 2007 e participei dos estudos de pós-colheita da mandioca in natura com casca submetida a tratamentos com parafina e com a mandioca minimamente processada submetida a diferentes tratamentos a fim de aumentar sua vida-de-prateleira. Foram realizadas análises microbiológicas e físico-químicas e verifcou-se que alguns tratamentos promoveram pelo menos 30 dias de vida útil do produto. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Wânia Maria Gonçalves Fukuda - Integrante / Eliseth de Souza Viana - Integrante / Carlos Estevão Leite Cardoso - Integrante / Aldo Vilar Trindade - Integrante / Marcio Eduardo Pereira Canto - Integrante / Carlos Alberto Ledo - Integrante / Ana Cristina Soares Fermino - Integrante / Jaeveson da Silva - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia - Auxílio financeiro / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.Número de orientações: 1

  • 2007 - 2009

    Métodos não convencionais de processamento de sucos de frutas, Descrição: A busca crescente pela preservação da qualidade dos alimentos, tanto os processados como aqueles consumidos in natura, tem levado as indústrias a pesquisar as melhores formas de conservá-los. Desta forma, tem-se avançado muito nos métodos de conservação em nível de pós-colheita e de alimentos processados. A conservação de sucos de frutas tem sido realizada tradicionalmente através do uso de calor e/ou da adição de conservadores químicos, o que pode alterar o aroma, o sabor e o perfil nutricional dos produtos, uma vez que estes atributos são conferidos por substâncias termo-sensíveis. Além disso, muitos países vêm restringindo a comercialização de produtos que contenham aditivos químicos na sua formulação. O progresso no entendimento técnico-científico dos métodos que envolvem tratamento térmico levou ao surgimento de tecnologias que minimizam os efeitos adversos do calor, e tem levado à intensificação dos estudos para a busca de tecnologias alternativas. Dentre esses métodos, incluem-se os tratamentos por alta pressão hidrostática, por membranas, por ultrasom, irradiação (gama e X), por campos magnéticos ou elétricos. A concentração de sucos reduz custos de armazenamento, transporte e minimiza a deterioração por microrganismos. Também é realizada pelo uso do calor, o que pode reduzir a qualidade dos produtos. Osmose inversa e evaporação osmótica são processos de separação com membranas que podem ser aplicados como alternativa à concentração térmica. A encapsulação por atomização é uma outra técnica que resulta em produtos mais estáveis na forma de pó. O Brasil possui uma grande diversidade de frutas, que apresentam características nutricionais e sensoriais distintas, e que, se corretamente processadas, podem contribuir para o desenvolvimento do agronegócio, com produtos de qualidade. Este projeto tem por objetivo avaliar o uso de processos não convencionais de conservação e concentração de sucos de frutas. Foram selecionados os processos de alta pressão, irradiação. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Amauri Rosenthal - Integrante / Lourdes Maria Correa Cabral - Coordenador / Sueli pereira Freitas - Integrante / Angela Aparecida de Lemos Furtado - Integrante / Virginia M da Matta - Integrante / Murillo Freire Jr - Integrante / Edy Sousa de Brito - Integrante / Luiz Antônio Rizzon - Integrante / Maria Auxiliadora C. de Lima - Integrante / Aparecida Claret - Integrante / Rafaella de Andrade Mattieto - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2008

    Aipim orgânico - viabilização da cultura na agricultura familiar do recôncavo baiano, Descrição: Produtos de alta qualidade são importante para agregar valor e garantir a comercialização. O uso de sistemas orgânicos de produção vegetal podem ser importante para garantir tais objetivos, além de aumentar a sustentabilidade agrícola. Os experimentos do projeto iniciaram em agosto de 2005, em três localidades do Recôncavo Baiano avaliando-se cultivares e adubos orgânicos. Os tratamentos para o experimento com adubção orgânica foram: testemunha (sem adubo), farinha de rocha, fosfato de rocha, urina de vaca, esterco de gado, composto, urina+farinha de rocha, urina+fosfato de rocha, esterco+farinha de rocha, esterco+fosfato de rocha. No outro experimento avaliou-se oito cultivares de aipim, oriundas da Embrapa e agricultores. Este foi adubado com esterco+fosfato de rocha. A colheita iniciou-se em junho de 2006. Logo após, novos experimentos foram realizados, considerando os melhores tratamentos e a inserção de outros, tais como a manipueira (subproduto do processo de fabricação da farinha de mandioca) e de cultivares recém lançados. Foram avaliados dados de crescimento das plantas e de produtividade, qualidade de pós-colheita e cozimento das raízes. Integrei-me à equipe do projeto a partir de 2007 e participei dos estudos de pós-colheita da mandioca in natura com casca submetida a tratamentos com parafina e com a mandioca minimamente processada submetida a diferentes tratamentos a fim de aumentar sua vida-de-prateleira. Foram realizadas análises microbiológicas e físico-químicas e verifcou-se que alguns tratamentos promoveram pelo menos 30 dias de vida útil do produto. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Wânia Maria Gonçalves Fukuda - Integrante / Eliseth de Souza Viana - Integrante / Carlos Estevão Leite Cardoso - Integrante / Aldo Vilar Trindade - Integrante / Marcio Eduardo Pereira Canto - Integrante / Carlos Alberto Ledo - Integrante / Ana Cristina Soares Fermino - Integrante / Jaeveson da Silva - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia - Auxílio financeiro / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.Número de orientações: 1

  • 2004 - 2008

    Desenvolvimento de extrato hidrossolúvel de soja com polpas de frutas tropicais, Descrição: A soja tem tido significativo avanço na Região Nordeste, principalmente no Estado da Bahia, com um crescimento de 54%, em área, no período de seis anos. Dentre as fontes vegetais com potencial de uso na dieta humana, a soja é a que possui maior teor de proteínas de boa qualidade, constituindo alternativa viável para solucionar problemas de desnutrição. No Brasil estima-se que 5 milhões de crianças estejam desnutridas sendo que a desnutrição energético protéica é a principal. Apesar das potencialidades de aproveitamento e do teor protéico, o consumo de produtos elaborados com soja é baixo, no Brasil, por questões culturais, econômicas e problemas de natureza sensorial. O extrato hidrossolúvel de soja, "leite de soja", é uma bebida com notável valor nutricional e propriedades funcionais, podendo ser ingerido na forma líquida ou em pó. A elaboração do extrato hidrossolúvel de soja exige ajustes tecnológicos a fim de minimizar o sabor indesejável sendo que, uma das opções seria a adição de polpa de frutas tropicais ao extrato, contribuindo também para o enriquecimento vitamínico do extrato. Pretende-se desenvolver extrato hidrossolúvel de soja com polpas de frutas tropicais, ainda não disponíveis no mercado interno, de sabor agradável e com potencial nutricional. A obtenção de um novo produto significa oportunidade de investimento no segmento agrícola e agregação de valor às matérias primas.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Rossana Catie Bueno de Godoy - Coordenador / Deborah dos Santos Garruti - Integrante / Rosires Deliza - Integrante / Henriette Monteiro Cordeiro de Azeredo - Integrante / Vera de Toledo Benassi - Integrante., Financiador(es): Banco do Nordeste do Brasil S/A - Auxílio financeiro.

  • 2016 - Atual

    Desenvolvimento de tecnologias pré e pós-colheita para redução de resíduos de agrotóxicos em mamão, Descrição: A cultura do mamoeiro no Brasil possui grande importância socioeconômica, destacando-se como o segundo maior produtor mundial de mamão, com uma área plantada de 31,9 mil hectares e produção de 1,85 milhões de toneladas de frutos. O destino da produção é basicamente para o mercado interno, com destaque para o eixo Rio - São Paulo - Minas. O mercado externo, embora absorva uma pequena parte da produção de frutos, representa uma participação relevante no mercado de frutas para exportação, sendo a nona fruta mais exportada pelo Brasil, com grande potencial de ampliação deste mercado. O reduzido volume de exportações de mamão é resultante de uma série de fatores logísticos limitantes, tais como a ausência de tecnologias pós-colheita que permitam a exportação via modal marítimo, o que aumentaria a competitividade do fruto brasileiro, devido à redução dos custos; e uso excessivo de agrotóxicos acarretando na presença de resíduos nos frutos tem sido também uma importante restrição imposta pelo mercado externo, cenário este, que em breve será também uma realidade do mercado doméstico, considerando a crescente consciência dos consumidores da importância de alimentos saudáveis. A depreciação da qualidade dos frutos é resultante da incidência de doenças pós-colheita, porém na maioria dos casos, as doenças são decorrentes da contaminação dos frutos por inóculos de patógenos ainda no campo. Consequentemente, o atual sistema de produção da cultura do mamoeiro, em especial o manejo fitossanitário, tem requerido a utilização de grandes quantidades de agrotóxicos para o controle de pragas e doenças, tanto no pomar quanto na pós-colheita dos frutos. Neste sentido a aplicação de indutores de resistência em pré-colheita concomitantemente com a adoção de um manejo fitossanitário baseado nos princípios de monitoramento de pragas apresenta potencial para a redução dos níveis de resíduos de agrotóxicos nos frutos. Na perspectiva de reduzir as podridões pós-colheita sem o uso de agrotóxicos, algumas técnicas têm potencial de serem adotadas tais como: controle físico (tratamento térmico e radiação UV-C), controle biológico (bactérias antagonistas), compostos antimicrobianos naturais (extratos vegetais e óleos essências), revestimentos comestíveis, sais inorgânicos e indução de resistência. Neste contexto, o objetivo desta proposta é determinar a influência de procedimentos atuais de pós-colheita sobre resíduos de agrotóxicos em mamão e reduzir os resíduos de agrotóxicos nos frutos pelo uso de tecnologias pré e pós-colheita de baixo risco a saúde humana. Como estratégia de ação o projeto contará com a participação efetiva de três unidades da Embrapa (CNPMA, CNPAT e CNPDIA), de parceiros externos (UEFS, ESALQ e ADAB) e parceria com o setor produtivo representado pela empresa BelloFruit, que está sediada na região do Extremo Sul da Bahia, maior polo de produção de mamão do Brasil. Espera-se que a validação do manejo fitossanitário pré-colheita e a obtenção de tecnologias pós-colheita promovam a redução dos níveis de resíduos de agrotóxicos em mamão, possibilitem a oferta de frutos de qualidade e a ampliação de mercados consumidores, a exemplo do mercado de exportações, gerando impactos positivos para a cadeia produtiva do mamão e contribuir para a sustentabilidade da cultura. O objetivo geral do projeto é determinar a influência de procedimentos atuais de pós-colheita sobre resíduos de agrotóxicos em mamão e reduzir os resíduos de agrotóxicos nos frutos pelo uso de tecnologias pré e pós-colheita de baixo risco a saúde humana.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Eliseth de Souza Viana - Integrante / Deborah dos Santos Garruti - Integrante / Ronielli Cardoso Reis - Integrante / Harllen Sandro Alves Silva - Integrante / Nilton Fritzons Sanches - Integrante / Hermes Peixoto Santos Filho - Integrante / Márcio Eduardo Canto Pereira - Integrante / Jailson Lopes Cruz - Integrante / Fabiana Fumi Cerqueira Sasaki - Coordenador / Arlene Maria Gomes Oliveira - Integrante / José da Silva Souza - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2007 - 2009

    Métodos não convencionais de processamento de sucos de frutas, Descrição: A busca crescente pela preservação da qualidade dos alimentos, tanto os processados como aqueles consumidos in natura, tem levado as indústrias a pesquisar as melhores formas de conservá-los. Desta forma, tem-se avançado muito nos métodos de conservação em nível de pós-colheita e de alimentos processados. A conservação de sucos de frutas tem sido realizada tradicionalmente através do uso de calor e/ou da adição de conservadores químicos, o que pode alterar o aroma, o sabor e o perfil nutricional dos produtos, uma vez que estes atributos são conferidos por substâncias termo-sensíveis. Além disso, muitos países vêm restringindo a comercialização de produtos que contenham aditivos químicos na sua formulação. O progresso no entendimento técnico-científico dos métodos que envolvem tratamento térmico levou ao surgimento de tecnologias que minimizam os efeitos adversos do calor, e tem levado à intensificação dos estudos para a busca de tecnologias alternativas. Dentre esses métodos, incluem-se os tratamentos por alta pressão hidrostática, por membranas, por ultrasom, irradiação (gama e X), por campos magnéticos ou elétricos. A concentração de sucos reduz custos de armazenamento, transporte e minimiza a deterioração por microrganismos. Também é realizada pelo uso do calor, o que pode reduzir a qualidade dos produtos. Osmose inversa e evaporação osmótica são processos de separação com membranas que podem ser aplicados como alternativa à concentração térmica. A encapsulação por atomização é uma outra técnica que resulta em produtos mais estáveis na forma de pó. O Brasil possui uma grande diversidade de frutas, que apresentam características nutricionais e sensoriais distintas, e que, se corretamente processadas, podem contribuir para o desenvolvimento do agronegócio, com produtos de qualidade. Este projeto tem por objetivo avaliar o uso de processos não convencionais de conservação e concentração de sucos de frutas. Foram selecionados os processos de alta pressão, irradiação. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Amauri Rosenthal - Integrante / Lourdes Maria Correa Cabral - Coordenador / Sueli pereira Freitas - Integrante / Angela Aparecida de Lemos Furtado - Integrante / Virginia M da Matta - Integrante / Murillo Freire Jr - Integrante / Edy Sousa de Brito - Integrante / Luiz Antônio Rizzon - Integrante / Maria Auxiliadora C. de Lima - Integrante / Aparecida Claret - Integrante / Rafaella de Andrade Mattieto - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2008

    Aipim orgânico - viabilização da cultura na agricultura familiar do recôncavo baiano, Descrição: Produtos de alta qualidade são importante para agregar valor e garantir a comercialização. O uso de sistemas orgânicos de produção vegetal podem ser importante para garantir tais objetivos, além de aumentar a sustentabilidade agrícola. Os experimentos do projeto iniciaram em agosto de 2005, em três localidades do Recôncavo Baiano avaliando-se cultivares e adubos orgânicos. Os tratamentos para o experimento com adubção orgânica foram: testemunha (sem adubo), farinha de rocha, fosfato de rocha, urina de vaca, esterco de gado, composto, urina+farinha de rocha, urina+fosfato de rocha, esterco+farinha de rocha, esterco+fosfato de rocha. No outro experimento avaliou-se oito cultivares de aipim, oriundas da Embrapa e agricultores. Este foi adubado com esterco+fosfato de rocha. A colheita iniciou-se em junho de 2006. Logo após, novos experimentos foram realizados, considerando os melhores tratamentos e a inserção de outros, tais como a manipueira (subproduto do processo de fabricação da farinha de mandioca) e de cultivares recém lançados. Foram avaliados dados de crescimento das plantas e de produtividade, qualidade de pós-colheita e cozimento das raízes. Integrei-me à equipe do projeto a partir de 2007 e participei dos estudos de pós-colheita da mandioca in natura com casca submetida a tratamentos com parafina e com a mandioca minimamente processada submetida a diferentes tratamentos a fim de aumentar sua vida-de-prateleira. Foram realizadas análises microbiológicas e físico-químicas e verifcou-se que alguns tratamentos promoveram pelo menos 30 dias de vida útil do produto. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Wânia Maria Gonçalves Fukuda - Integrante / Eliseth de Souza Viana - Integrante / Carlos Estevão Leite Cardoso - Integrante / Aldo Vilar Trindade - Integrante / Marcio Eduardo Pereira Canto - Integrante / Carlos Alberto Ledo - Integrante / Ana Cristina Soares Fermino - Integrante / Jaeveson da Silva - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia - Auxílio financeiro.Número de orientações: 1

  • 2004 - 2008

    Desenvolvimento de extrato hidrossolúvel de soja com polpas de frutas tropicais, Descrição: A soja tem tido significativo avanço na Região Nordeste, principalmente no Estado da Bahia, com um crescimento de 54%, em área, no período de seis anos. Dentre as fontes vegetais com potencial de uso na dieta humana, a soja é a que possui maior teor de proteínas de boa qualidade, constituindo alternativa viável para solucionar problemas de desnutrição. No Brasil estima-se que 5 milhões de crianças estejam desnutridas sendo que a desnutrição energético protéica é a principal. Apesar das potencialidades de aproveitamento e do teor protéico, o consumo de produtos elaborados com soja é baixo, no Brasil, por questões culturais, econômicas e problemas de natureza sensorial. O extrato hidrossolúvel de soja, "leite de soja", é uma bebida com notável valor nutricional e propriedades funcionais, podendo ser ingerido na forma líquida ou em pó. A elaboração do extrato hidrossolúvel de soja exige ajustes tecnológicos a fim de minimizar o sabor indesejável sendo que, uma das opções seria a adição de polpa de frutas tropicais ao extrato, contribuindo também para o enriquecimento vitamínico do extrato. Pretende-se desenvolver extrato hidrossolúvel de soja com polpas de frutas tropicais, ainda não disponíveis no mercado interno, de sabor agradável e com potencial nutricional. A obtenção de um novo produto significa oportunidade de investimento no segmento agrícola e agregação de valor às matérias primas.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Rossana Catie Bueno de Godoy - Coordenador / Deborah dos Santos Garruti - Integrante / Rosires Deliza - Integrante / Henriette Monteiro Cordeiro de Azeredo - Integrante / Vera de Toledo Benassi - Integrante., Financiador(es): Banco do Nordeste do Brasil S/A - Auxílio financeiro.

  • 2016 - Atual

    Desenvolvimento de tecnologias pré e pós-colheita para redução de resíduos de agrotóxicos em mamão, Descrição: A cultura do mamoeiro no Brasil possui grande importância socioeconômica, destacando-se como o segundo maior produtor mundial de mamão, com uma área plantada de 31,9 mil hectares e produção de 1,85 milhões de toneladas de frutos. O destino da produção é basicamente para o mercado interno, com destaque para o eixo Rio - São Paulo - Minas. O mercado externo, embora absorva uma pequena parte da produção de frutos, representa uma participação relevante no mercado de frutas para exportação, sendo a nona fruta mais exportada pelo Brasil, com grande potencial de ampliação deste mercado. O reduzido volume de exportações de mamão é resultante de uma série de fatores logísticos limitantes, tais como a ausência de tecnologias pós-colheita que permitam a exportação via modal marítimo, o que aumentaria a competitividade do fruto brasileiro, devido à redução dos custos; e uso excessivo de agrotóxicos acarretando na presença de resíduos nos frutos tem sido também uma importante restrição imposta pelo mercado externo, cenário este, que em breve será também uma realidade do mercado doméstico, considerando a crescente consciência dos consumidores da importância de alimentos saudáveis. A depreciação da qualidade dos frutos é resultante da incidência de doenças pós-colheita, porém na maioria dos casos, as doenças são decorrentes da contaminação dos frutos por inóculos de patógenos ainda no campo. Consequentemente, o atual sistema de produção da cultura do mamoeiro, em especial o manejo fitossanitário, tem requerido a utilização de grandes quantidades de agrotóxicos para o controle de pragas e doenças, tanto no pomar quanto na pós-colheita dos frutos. Neste sentido a aplicação de indutores de resistência em pré-colheita concomitantemente com a adoção de um manejo fitossanitário baseado nos princípios de monitoramento de pragas apresenta potencial para a redução dos níveis de resíduos de agrotóxicos nos frutos. Na perspectiva de reduzir as podridões pós-colheita sem o uso de agrotóxicos, algumas técnicas têm potencial de serem adotadas tais como: controle físico (tratamento térmico e radiação UV-C), controle biológico (bactérias antagonistas), compostos antimicrobianos naturais (extratos vegetais e óleos essências), revestimentos comestíveis, sais inorgânicos e indução de resistência. Neste contexto, o objetivo desta proposta é determinar a influência de procedimentos atuais de pós-colheita sobre resíduos de agrotóxicos em mamão e reduzir os resíduos de agrotóxicos nos frutos pelo uso de tecnologias pré e pós-colheita de baixo risco a saúde humana. Como estratégia de ação o projeto contará com a participação efetiva de três unidades da Embrapa (CNPMA, CNPAT e CNPDIA), de parceiros externos (UEFS, ESALQ e ADAB) e parceria com o setor produtivo representado pela empresa BelloFruit, que está sediada na região do Extremo Sul da Bahia, maior polo de produção de mamão do Brasil. Espera-se que a validação do manejo fitossanitário pré-colheita e a obtenção de tecnologias pós-colheita promovam a redução dos níveis de resíduos de agrotóxicos em mamão, possibilitem a oferta de frutos de qualidade e a ampliação de mercados consumidores, a exemplo do mercado de exportações, gerando impactos positivos para a cadeia produtiva do mamão e contribuir para a sustentabilidade da cultura. O objetivo geral do projeto é determinar a influência de procedimentos atuais de pós-colheita sobre resíduos de agrotóxicos em mamão e reduzir os resíduos de agrotóxicos nos frutos pelo uso de tecnologias pré e pós-colheita de baixo risco a saúde humana.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Eliseth de Souza Viana - Integrante / Deborah dos Santos Garruti - Integrante / Ronielli Cardoso Reis - Integrante / Harllen Sandro Alves Silva - Integrante / Nilton Fritzons Sanches - Integrante / Hermes Peixoto Santos Filho - Integrante / Márcio Eduardo Canto Pereira - Integrante / Jailson Lopes Cruz - Integrante / Fabiana Fumi Cerqueira Sasaki - Coordenador / Arlene Maria Gomes Oliveira - Integrante / José da Silva Souza - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2007 - 2009

    Métodos não convencionais de processamento de sucos de frutas, Descrição: A busca crescente pela preservação da qualidade dos alimentos, tanto os processados como aqueles consumidos in natura, tem levado as indústrias a pesquisar as melhores formas de conservá-los. Desta forma, tem-se avançado muito nos métodos de conservação em nível de pós-colheita e de alimentos processados. A conservação de sucos de frutas tem sido realizada tradicionalmente através do uso de calor e/ou da adição de conservadores químicos, o que pode alterar o aroma, o sabor e o perfil nutricional dos produtos, uma vez que estes atributos são conferidos por substâncias termo-sensíveis. Além disso, muitos países vêm restringindo a comercialização de produtos que contenham aditivos químicos na sua formulação. O progresso no entendimento técnico-científico dos métodos que envolvem tratamento térmico levou ao surgimento de tecnologias que minimizam os efeitos adversos do calor, e tem levado à intensificação dos estudos para a busca de tecnologias alternativas. Dentre esses métodos, incluem-se os tratamentos por alta pressão hidrostática, por membranas, por ultrasom, irradiação (gama e X), por campos magnéticos ou elétricos. A concentração de sucos reduz custos de armazenamento, transporte e minimiza a deterioração por microrganismos. Também é realizada pelo uso do calor, o que pode reduzir a qualidade dos produtos. Osmose inversa e evaporação osmótica são processos de separação com membranas que podem ser aplicados como alternativa à concentração térmica. A encapsulação por atomização é uma outra técnica que resulta em produtos mais estáveis na forma de pó. O Brasil possui uma grande diversidade de frutas, que apresentam características nutricionais e sensoriais distintas, e que, se corretamente processadas, podem contribuir para o desenvolvimento do agronegócio, com produtos de qualidade. Este projeto tem por objetivo avaliar o uso de processos não convencionais de conservação e concentração de sucos de frutas. Foram selecionados os processos de alta pressão, irradiação. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Amauri Rosenthal - Integrante / Lourdes Maria Correa Cabral - Coordenador / Sueli pereira Freitas - Integrante / Angela Aparecida de Lemos Furtado - Integrante / Virginia M da Matta - Integrante / Murillo Freire Jr - Integrante / Edy Sousa de Brito - Integrante / Luiz Antônio Rizzon - Integrante / Maria Auxiliadora C. de Lima - Integrante / Aparecida Claret - Integrante / Rafaella de Andrade Mattieto - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2008

    Aipim orgânico - viabilização da cultura na agricultura familiar do recôncavo baiano, Descrição: Produtos de alta qualidade são importante para agregar valor e garantir a comercialização. O uso de sistemas orgânicos de produção vegetal podem ser importante para garantir tais objetivos, além de aumentar a sustentabilidade agrícola. Os experimentos do projeto iniciaram em agosto de 2005, em três localidades do Recôncavo Baiano avaliando-se cultivares e adubos orgânicos. Os tratamentos para o experimento com adubção orgânica foram: testemunha (sem adubo), farinha de rocha, fosfato de rocha, urina de vaca, esterco de gado, composto, urina+farinha de rocha, urina+fosfato de rocha, esterco+farinha de rocha, esterco+fosfato de rocha. No outro experimento avaliou-se oito cultivares de aipim, oriundas da Embrapa e agricultores. Este foi adubado com esterco+fosfato de rocha. A colheita iniciou-se em junho de 2006. Logo após, novos experimentos foram realizados, considerando os melhores tratamentos e a inserção de outros, tais como a manipueira (subproduto do processo de fabricação da farinha de mandioca) e de cultivares recém lançados. Foram avaliados dados de crescimento das plantas e de produtividade, qualidade de pós-colheita e cozimento das raízes. Integrei-me à equipe do projeto a partir de 2007 e participei dos estudos de pós-colheita da mandioca in natura com casca submetida a tratamentos com parafina e com a mandioca minimamente processada submetida a diferentes tratamentos a fim de aumentar sua vida-de-prateleira. Foram realizadas análises microbiológicas e físico-químicas e verifcou-se que alguns tratamentos promoveram pelo menos 30 dias de vida útil do produto. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Wânia Maria Gonçalves Fukuda - Integrante / Eliseth de Souza Viana - Integrante / Carlos Estevão Leite Cardoso - Integrante / Aldo Vilar Trindade - Integrante / Marcio Eduardo Pereira Canto - Integrante / Carlos Alberto Ledo - Integrante / Ana Cristina Soares Fermino - Integrante / Jaeveson da Silva - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia - Auxílio financeiro / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.Número de orientações: 1

  • 2004 - 2008

    Desenvolvimento de extrato hidrossolúvel de soja com polpas de frutas tropicais, Descrição: A soja tem tido significativo avanço na Região Nordeste, principalmente no Estado da Bahia, com um crescimento de 54%, em área, no período de seis anos. Dentre as fontes vegetais com potencial de uso na dieta humana, a soja é a que possui maior teor de proteínas de boa qualidade, constituindo alternativa viável para solucionar problemas de desnutrição. No Brasil estima-se que 5 milhões de crianças estejam desnutridas sendo que a desnutrição energético protéica é a principal. Apesar das potencialidades de aproveitamento e do teor protéico, o consumo de produtos elaborados com soja é baixo, no Brasil, por questões culturais, econômicas e problemas de natureza sensorial. O extrato hidrossolúvel de soja, "leite de soja", é uma bebida com notável valor nutricional e propriedades funcionais, podendo ser ingerido na forma líquida ou em pó. A elaboração do extrato hidrossolúvel de soja exige ajustes tecnológicos a fim de minimizar o sabor indesejável sendo que, uma das opções seria a adição de polpa de frutas tropicais ao extrato, contribuindo também para o enriquecimento vitamínico do extrato. Pretende-se desenvolver extrato hidrossolúvel de soja com polpas de frutas tropicais, ainda não disponíveis no mercado interno, de sabor agradável e com potencial nutricional. A obtenção de um novo produto significa oportunidade de investimento no segmento agrícola e agregação de valor às matérias primas.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Rossana Catie Bueno de Godoy - Coordenador / Deborah dos Santos Garruti - Integrante / Rosires Deliza - Integrante / Henriette Monteiro Cordeiro de Azeredo - Integrante / Vera de Toledo Benassi - Integrante., Financiador(es): Banco do Nordeste do Brasil S/A - Auxílio financeiro.

  • 2016 - Atual

    Desenvolvimento de tecnologias pré e pós-colheita para redução de resíduos de agrotóxicos em mamão, Descrição: A cultura do mamoeiro no Brasil possui grande importância socioeconômica, destacando-se como o segundo maior produtor mundial de mamão, com uma área plantada de 31,9 mil hectares e produção de 1,85 milhões de toneladas de frutos. O destino da produção é basicamente para o mercado interno, com destaque para o eixo Rio - São Paulo - Minas. O mercado externo, embora absorva uma pequena parte da produção de frutos, representa uma participação relevante no mercado de frutas para exportação, sendo a nona fruta mais exportada pelo Brasil, com grande potencial de ampliação deste mercado. O reduzido volume de exportações de mamão é resultante de uma série de fatores logísticos limitantes, tais como a ausência de tecnologias pós-colheita que permitam a exportação via modal marítimo, o que aumentaria a competitividade do fruto brasileiro, devido à redução dos custos; e uso excessivo de agrotóxicos acarretando na presença de resíduos nos frutos tem sido também uma importante restrição imposta pelo mercado externo, cenário este, que em breve será também uma realidade do mercado doméstico, considerando a crescente consciência dos consumidores da importância de alimentos saudáveis. A depreciação da qualidade dos frutos é resultante da incidência de doenças pós-colheita, porém na maioria dos casos, as doenças são decorrentes da contaminação dos frutos por inóculos de patógenos ainda no campo. Consequentemente, o atual sistema de produção da cultura do mamoeiro, em especial o manejo fitossanitário, tem requerido a utilização de grandes quantidades de agrotóxicos para o controle de pragas e doenças, tanto no pomar quanto na pós-colheita dos frutos. Neste sentido a aplicação de indutores de resistência em pré-colheita concomitantemente com a adoção de um manejo fitossanitário baseado nos princípios de monitoramento de pragas apresenta potencial para a redução dos níveis de resíduos de agrotóxicos nos frutos. Na perspectiva de reduzir as podridões pós-colheita sem o uso de agrotóxicos, algumas técnicas têm potencial de serem adotadas tais como: controle físico (tratamento térmico e radiação UV-C), controle biológico (bactérias antagonistas), compostos antimicrobianos naturais (extratos vegetais e óleos essências), revestimentos comestíveis, sais inorgânicos e indução de resistência. Neste contexto, o objetivo desta proposta é determinar a influência de procedimentos atuais de pós-colheita sobre resíduos de agrotóxicos em mamão e reduzir os resíduos de agrotóxicos nos frutos pelo uso de tecnologias pré e pós-colheita de baixo risco a saúde humana. Como estratégia de ação o projeto contará com a participação efetiva de três unidades da Embrapa (CNPMA, CNPAT e CNPDIA), de parceiros externos (UEFS, ESALQ e ADAB) e parceria com o setor produtivo representado pela empresa BelloFruit, que está sediada na região do Extremo Sul da Bahia, maior polo de produção de mamão do Brasil. Espera-se que a validação do manejo fitossanitário pré-colheita e a obtenção de tecnologias pós-colheita promovam a redução dos níveis de resíduos de agrotóxicos em mamão, possibilitem a oferta de frutos de qualidade e a ampliação de mercados consumidores, a exemplo do mercado de exportações, gerando impactos positivos para a cadeia produtiva do mamão e contribuir para a sustentabilidade da cultura. O objetivo geral do projeto é determinar a influência de procedimentos atuais de pós-colheita sobre resíduos de agrotóxicos em mamão e reduzir os resíduos de agrotóxicos nos frutos pelo uso de tecnologias pré e pós-colheita de baixo risco a saúde humana.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Eliseth de Souza Viana - Integrante / Deborah dos Santos Garruti - Integrante / Ronielli Cardoso Reis - Integrante / Harllen Sandro Alves Silva - Integrante / Nilton Fritzons Sanches - Integrante / Hermes Peixoto Santos Filho - Integrante / Márcio Eduardo Canto Pereira - Integrante / Jailson Lopes Cruz - Integrante / Fabiana Fumi Cerqueira Sasaki - Coordenador / Arlene Maria Gomes Oliveira - Integrante / José da Silva Souza - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2007 - 2009

    Métodos não convencionais de processamento de sucos de frutas, Descrição: A busca crescente pela preservação da qualidade dos alimentos, tanto os processados como aqueles consumidos in natura, tem levado as indústrias a pesquisar as melhores formas de conservá-los. Desta forma, tem-se avançado muito nos métodos de conservação em nível de pós-colheita e de alimentos processados. A conservação de sucos de frutas tem sido realizada tradicionalmente através do uso de calor e/ou da adição de conservadores químicos, o que pode alterar o aroma, o sabor e o perfil nutricional dos produtos, uma vez que estes atributos são conferidos por substâncias termo-sensíveis. Além disso, muitos países vêm restringindo a comercialização de produtos que contenham aditivos químicos na sua formulação. O progresso no entendimento técnico-científico dos métodos que envolvem tratamento térmico levou ao surgimento de tecnologias que minimizam os efeitos adversos do calor, e tem levado à intensificação dos estudos para a busca de tecnologias alternativas. Dentre esses métodos, incluem-se os tratamentos por alta pressão hidrostática, por membranas, por ultrasom, irradiação (gama e X), por campos magnéticos ou elétricos. A concentração de sucos reduz custos de armazenamento, transporte e minimiza a deterioração por microrganismos. Também é realizada pelo uso do calor, o que pode reduzir a qualidade dos produtos. Osmose inversa e evaporação osmótica são processos de separação com membranas que podem ser aplicados como alternativa à concentração térmica. A encapsulação por atomização é uma outra técnica que resulta em produtos mais estáveis na forma de pó. O Brasil possui uma grande diversidade de frutas, que apresentam características nutricionais e sensoriais distintas, e que, se corretamente processadas, podem contribuir para o desenvolvimento do agronegócio, com produtos de qualidade. Este projeto tem por objetivo avaliar o uso de processos não convencionais de conservação e concentração de sucos de frutas. Foram selecionados os processos de alta pressão, irradiação. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Amauri Rosenthal - Integrante / Lourdes Maria Correa Cabral - Coordenador / Sueli pereira Freitas - Integrante / Angela Aparecida de Lemos Furtado - Integrante / Virginia M da Matta - Integrante / Murillo Freire Jr - Integrante / Edy Sousa de Brito - Integrante / Luiz Antônio Rizzon - Integrante / Maria Auxiliadora C. de Lima - Integrante / Aparecida Claret - Integrante / Rafaella de Andrade Mattieto - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2008

    Desenvolvimento de extrato hidrossolúvel de soja com polpas de frutas tropicais, Descrição: A soja tem tido significativo avanço na Região Nordeste, principalmente no Estado da Bahia, com um crescimento de 54%, em área, no período de seis anos. Dentre as fontes vegetais com potencial de uso na dieta humana, a soja é a que possui maior teor de proteínas de boa qualidade, constituindo alternativa viável para solucionar problemas de desnutrição. No Brasil estima-se que 5 milhões de crianças estejam desnutridas sendo que a desnutrição energético protéica é a principal. Apesar das potencialidades de aproveitamento e do teor protéico, o consumo de produtos elaborados com soja é baixo, no Brasil, por questões culturais, econômicas e problemas de natureza sensorial. O extrato hidrossolúvel de soja, "leite de soja", é uma bebida com notável valor nutricional e propriedades funcionais, podendo ser ingerido na forma líquida ou em pó. A elaboração do extrato hidrossolúvel de soja exige ajustes tecnológicos a fim de minimizar o sabor indesejável sendo que, uma das opções seria a adição de polpa de frutas tropicais ao extrato, contribuindo também para o enriquecimento vitamínico do extrato. Pretende-se desenvolver extrato hidrossolúvel de soja com polpas de frutas tropicais, ainda não disponíveis no mercado interno, de sabor agradável e com potencial nutricional. A obtenção de um novo produto significa oportunidade de investimento no segmento agrícola e agregação de valor às matérias primas.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Rossana Catie Bueno de Godoy - Coordenador / Deborah dos Santos Garruti - Integrante / Rosires Deliza - Integrante / Henriette Monteiro Cordeiro de Azeredo - Integrante / Vera de Toledo Benassi - Integrante., Financiador(es): Banco do Nordeste do Brasil S/A - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2008

    Aipim orgânico - viabilização da cultura na agricultura familiar do recôncavo baiano, Descrição: Produtos de alta qualidade são importante para agregar valor e garantir a comercialização. O uso de sistemas orgânicos de produção vegetal podem ser importante para garantir tais objetivos, além de aumentar a sustentabilidade agrícola. Os experimentos do projeto iniciaram em agosto de 2005, em três localidades do Recôncavo Baiano avaliando-se cultivares e adubos orgânicos. Os tratamentos para o experimento com adubção orgânica foram: testemunha (sem adubo), farinha de rocha, fosfato de rocha, urina de vaca, esterco de gado, composto, urina+farinha de rocha, urina+fosfato de rocha, esterco+farinha de rocha, esterco+fosfato de rocha. No outro experimento avaliou-se oito cultivares de aipim, oriundas da Embrapa e agricultores. Este foi adubado com esterco+fosfato de rocha. A colheita iniciou-se em junho de 2006. Logo após, novos experimentos foram realizados, considerando os melhores tratamentos e a inserção de outros, tais como a manipueira (subproduto do processo de fabricação da farinha de mandioca) e de cultivares recém lançados. Foram avaliados dados de crescimento das plantas e de produtividade, qualidade de pós-colheita e cozimento das raízes. Integrei-me à equipe do projeto a partir de 2007 e participei dos estudos de pós-colheita da mandioca in natura com casca submetida a tratamentos com parafina e com a mandioca minimamente processada submetida a diferentes tratamentos a fim de aumentar sua vida-de-prateleira. Foram realizadas análises microbiológicas e físico-químicas e verifcou-se que alguns tratamentos promoveram pelo menos 30 dias de vida útil do produto. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Wânia Maria Gonçalves Fukuda - Integrante / Eliseth de Souza Viana - Integrante / Carlos Estevão Leite Cardoso - Integrante / Aldo Vilar Trindade - Integrante / Marcio Eduardo Pereira Canto - Integrante / Carlos Alberto Ledo - Integrante / Ana Cristina Soares Fermino - Integrante / Jaeveson da Silva - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia - Auxílio financeiro.Número de orientações: 1

  • 2016 - Atual

    Desenvolvimento de tecnologias pré e pós-colheita para redução de resíduos de agrotóxicos em mamão, Descrição: A cultura do mamoeiro no Brasil possui grande importância socioeconômica, destacando-se como o segundo maior produtor mundial de mamão, com uma área plantada de 31,9 mil hectares e produção de 1,85 milhões de toneladas de frutos. O destino da produção é basicamente para o mercado interno, com destaque para o eixo Rio - São Paulo - Minas. O mercado externo, embora absorva uma pequena parte da produção de frutos, representa uma participação relevante no mercado de frutas para exportação, sendo a nona fruta mais exportada pelo Brasil, com grande potencial de ampliação deste mercado. O reduzido volume de exportações de mamão é resultante de uma série de fatores logísticos limitantes, tais como a ausência de tecnologias pós-colheita que permitam a exportação via modal marítimo, o que aumentaria a competitividade do fruto brasileiro, devido à redução dos custos; e uso excessivo de agrotóxicos acarretando na presença de resíduos nos frutos tem sido também uma importante restrição imposta pelo mercado externo, cenário este, que em breve será também uma realidade do mercado doméstico, considerando a crescente consciência dos consumidores da importância de alimentos saudáveis. A depreciação da qualidade dos frutos é resultante da incidência de doenças pós-colheita, porém na maioria dos casos, as doenças são decorrentes da contaminação dos frutos por inóculos de patógenos ainda no campo. Consequentemente, o atual sistema de produção da cultura do mamoeiro, em especial o manejo fitossanitário, tem requerido a utilização de grandes quantidades de agrotóxicos para o controle de pragas e doenças, tanto no pomar quanto na pós-colheita dos frutos. Neste sentido a aplicação de indutores de resistência em pré-colheita concomitantemente com a adoção de um manejo fitossanitário baseado nos princípios de monitoramento de pragas apresenta potencial para a redução dos níveis de resíduos de agrotóxicos nos frutos. Na perspectiva de reduzir as podridões pós-colheita sem o uso de agrotóxicos, algumas técnicas têm potencial de serem adotadas tais como: controle físico (tratamento térmico e radiação UV-C), controle biológico (bactérias antagonistas), compostos antimicrobianos naturais (extratos vegetais e óleos essências), revestimentos comestíveis, sais inorgânicos e indução de resistência. Neste contexto, o objetivo desta proposta é determinar a influência de procedimentos atuais de pós-colheita sobre resíduos de agrotóxicos em mamão e reduzir os resíduos de agrotóxicos nos frutos pelo uso de tecnologias pré e pós-colheita de baixo risco a saúde humana. Como estratégia de ação o projeto contará com a participação efetiva de três unidades da Embrapa (CNPMA, CNPAT e CNPDIA), de parceiros externos (UEFS, ESALQ e ADAB) e parceria com o setor produtivo representado pela empresa BelloFruit, que está sediada na região do Extremo Sul da Bahia, maior polo de produção de mamão do Brasil. Espera-se que a validação do manejo fitossanitário pré-colheita e a obtenção de tecnologias pós-colheita promovam a redução dos níveis de resíduos de agrotóxicos em mamão, possibilitem a oferta de frutos de qualidade e a ampliação de mercados consumidores, a exemplo do mercado de exportações, gerando impactos positivos para a cadeia produtiva do mamão e contribuir para a sustentabilidade da cultura. O objetivo geral do projeto é determinar a influência de procedimentos atuais de pós-colheita sobre resíduos de agrotóxicos em mamão e reduzir os resíduos de agrotóxicos nos frutos pelo uso de tecnologias pré e pós-colheita de baixo risco a saúde humana.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Eliseth de Souza Viana - Integrante / Deborah dos Santos Garruti - Integrante / Ronielli Cardoso Reis - Integrante / Harllen Sandro Alves Silva - Integrante / Nilton Fritzons Sanches - Integrante / Hermes Peixoto Santos Filho - Integrante / Márcio Eduardo Canto Pereira - Integrante / Jailson Lopes Cruz - Integrante / Fabiana Fumi Cerqueira Sasaki - Coordenador / Arlene Maria Gomes Oliveira - Integrante / José da Silva Souza - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2007 - 2009

    Métodos não convencionais de processamento de sucos de frutas, Descrição: A busca crescente pela preservação da qualidade dos alimentos, tanto os processados como aqueles consumidos in natura, tem levado as indústrias a pesquisar as melhores formas de conservá-los. Desta forma, tem-se avançado muito nos métodos de conservação em nível de pós-colheita e de alimentos processados. A conservação de sucos de frutas tem sido realizada tradicionalmente através do uso de calor e/ou da adição de conservadores químicos, o que pode alterar o aroma, o sabor e o perfil nutricional dos produtos, uma vez que estes atributos são conferidos por substâncias termo-sensíveis. Além disso, muitos países vêm restringindo a comercialização de produtos que contenham aditivos químicos na sua formulação. O progresso no entendimento técnico-científico dos métodos que envolvem tratamento térmico levou ao surgimento de tecnologias que minimizam os efeitos adversos do calor, e tem levado à intensificação dos estudos para a busca de tecnologias alternativas. Dentre esses métodos, incluem-se os tratamentos por alta pressão hidrostática, por membranas, por ultrasom, irradiação (gama e X), por campos magnéticos ou elétricos. A concentração de sucos reduz custos de armazenamento, transporte e minimiza a deterioração por microrganismos. Também é realizada pelo uso do calor, o que pode reduzir a qualidade dos produtos. Osmose inversa e evaporação osmótica são processos de separação com membranas que podem ser aplicados como alternativa à concentração térmica. A encapsulação por atomização é uma outra técnica que resulta em produtos mais estáveis na forma de pó. O Brasil possui uma grande diversidade de frutas, que apresentam características nutricionais e sensoriais distintas, e que, se corretamente processadas, podem contribuir para o desenvolvimento do agronegócio, com produtos de qualidade. Este projeto tem por objetivo avaliar o uso de processos não convencionais de conservação e concentração de sucos de frutas. Foram selecionados os processos de alta pressão, irradiação. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Amauri Rosenthal - Integrante / Lourdes Maria Correa Cabral - Coordenador / Sueli pereira Freitas - Integrante / Angela Aparecida de Lemos Furtado - Integrante / Virginia M da Matta - Integrante / Murillo Freire Jr - Integrante / Edy Sousa de Brito - Integrante / Luiz Antônio Rizzon - Integrante / Maria Auxiliadora C. de Lima - Integrante / Aparecida Claret - Integrante / Rafaella de Andrade Mattieto - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2008

    Desenvolvimento de extrato hidrossolúvel de soja com polpas de frutas tropicais, Descrição: A soja tem tido significativo avanço na Região Nordeste, principalmente no Estado da Bahia, com um crescimento de 54%, em área, no período de seis anos. Dentre as fontes vegetais com potencial de uso na dieta humana, a soja é a que possui maior teor de proteínas de boa qualidade, constituindo alternativa viável para solucionar problemas de desnutrição. No Brasil estima-se que 5 milhões de crianças estejam desnutridas sendo que a desnutrição energético protéica é a principal. Apesar das potencialidades de aproveitamento e do teor protéico, o consumo de produtos elaborados com soja é baixo, no Brasil, por questões culturais, econômicas e problemas de natureza sensorial. O extrato hidrossolúvel de soja, "leite de soja", é uma bebida com notável valor nutricional e propriedades funcionais, podendo ser ingerido na forma líquida ou em pó. A elaboração do extrato hidrossolúvel de soja exige ajustes tecnológicos a fim de minimizar o sabor indesejável sendo que, uma das opções seria a adição de polpa de frutas tropicais ao extrato, contribuindo também para o enriquecimento vitamínico do extrato. Pretende-se desenvolver extrato hidrossolúvel de soja com polpas de frutas tropicais, ainda não disponíveis no mercado interno, de sabor agradável e com potencial nutricional. A obtenção de um novo produto significa oportunidade de investimento no segmento agrícola e agregação de valor às matérias primas.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Rossana Catie Bueno de Godoy - Coordenador / Deborah dos Santos Garruti - Integrante / Rosires Deliza - Integrante / Henriette Monteiro Cordeiro de Azeredo - Integrante / Vera de Toledo Benassi - Integrante., Financiador(es): Banco do Nordeste do Brasil S/A - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2008

    Aipim orgânico - viabilização da cultura na agricultura familiar do recôncavo baiano, Descrição: Produtos de alta qualidade são importante para agregar valor e garantir a comercialização. O uso de sistemas orgânicos de produção vegetal podem ser importante para garantir tais objetivos, além de aumentar a sustentabilidade agrícola. Os experimentos do projeto iniciaram em agosto de 2005, em três localidades do Recôncavo Baiano avaliando-se cultivares e adubos orgânicos. Os tratamentos para o experimento com adubção orgânica foram: testemunha (sem adubo), farinha de rocha, fosfato de rocha, urina de vaca, esterco de gado, composto, urina+farinha de rocha, urina+fosfato de rocha, esterco+farinha de rocha, esterco+fosfato de rocha. No outro experimento avaliou-se oito cultivares de aipim, oriundas da Embrapa e agricultores. Este foi adubado com esterco+fosfato de rocha. A colheita iniciou-se em junho de 2006. Logo após, novos experimentos foram realizados, considerando os melhores tratamentos e a inserção de outros, tais como a manipueira (subproduto do processo de fabricação da farinha de mandioca) e de cultivares recém lançados. Foram avaliados dados de crescimento das plantas e de produtividade, qualidade de pós-colheita e cozimento das raízes. Integrei-me à equipe do projeto a partir de 2007 e participei dos estudos de pós-colheita da mandioca in natura com casca submetida a tratamentos com parafina e com a mandioca minimamente processada submetida a diferentes tratamentos a fim de aumentar sua vida-de-prateleira. Foram realizadas análises microbiológicas e físico-químicas e verifcou-se que alguns tratamentos promoveram pelo menos 30 dias de vida útil do produto. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Wânia Maria Gonçalves Fukuda - Integrante / Eliseth de Souza Viana - Integrante / Carlos Estevão Leite Cardoso - Integrante / Aldo Vilar Trindade - Integrante / Marcio Eduardo Pereira Canto - Integrante / Carlos Alberto Ledo - Integrante / Ana Cristina Soares Fermino - Integrante / Jaeveson da Silva - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia - Auxílio financeiro.Número de orientações: 1

  • 2016 - Atual

    Desenvolvimento de tecnologias pré e pós-colheita para redução de resíduos de agrotóxicos em mamão, Descrição: A cultura do mamoeiro no Brasil possui grande importância socioeconômica, destacando-se como o segundo maior produtor mundial de mamão, com uma área plantada de 31,9 mil hectares e produção de 1,85 milhões de toneladas de frutos. O destino da produção é basicamente para o mercado interno, com destaque para o eixo Rio - São Paulo - Minas. O mercado externo, embora absorva uma pequena parte da produção de frutos, representa uma participação relevante no mercado de frutas para exportação, sendo a nona fruta mais exportada pelo Brasil, com grande potencial de ampliação deste mercado. O reduzido volume de exportações de mamão é resultante de uma série de fatores logísticos limitantes, tais como a ausência de tecnologias pós-colheita que permitam a exportação via modal marítimo, o que aumentaria a competitividade do fruto brasileiro, devido à redução dos custos; e uso excessivo de agrotóxicos acarretando na presença de resíduos nos frutos tem sido também uma importante restrição imposta pelo mercado externo, cenário este, que em breve será também uma realidade do mercado doméstico, considerando a crescente consciência dos consumidores da importância de alimentos saudáveis. A depreciação da qualidade dos frutos é resultante da incidência de doenças pós-colheita, porém na maioria dos casos, as doenças são decorrentes da contaminação dos frutos por inóculos de patógenos ainda no campo. Consequentemente, o atual sistema de produção da cultura do mamoeiro, em especial o manejo fitossanitário, tem requerido a utilização de grandes quantidades de agrotóxicos para o controle de pragas e doenças, tanto no pomar quanto na pós-colheita dos frutos. Neste sentido a aplicação de indutores de resistência em pré-colheita concomitantemente com a adoção de um manejo fitossanitário baseado nos princípios de monitoramento de pragas apresenta potencial para a redução dos níveis de resíduos de agrotóxicos nos frutos. Na perspectiva de reduzir as podridões pós-colheita sem o uso de agrotóxicos, algumas técnicas têm potencial de serem adotadas tais como: controle físico (tratamento térmico e radiação UV-C), controle biológico (bactérias antagonistas), compostos antimicrobianos naturais (extratos vegetais e óleos essências), revestimentos comestíveis, sais inorgânicos e indução de resistência. Neste contexto, o objetivo desta proposta é determinar a influência de procedimentos atuais de pós-colheita sobre resíduos de agrotóxicos em mamão e reduzir os resíduos de agrotóxicos nos frutos pelo uso de tecnologias pré e pós-colheita de baixo risco a saúde humana. Como estratégia de ação o projeto contará com a participação efetiva de três unidades da Embrapa (CNPMA, CNPAT e CNPDIA), de parceiros externos (UEFS, ESALQ e ADAB) e parceria com o setor produtivo representado pela empresa BelloFruit, que está sediada na região do Extremo Sul da Bahia, maior polo de produção de mamão do Brasil. Espera-se que a validação do manejo fitossanitário pré-colheita e a obtenção de tecnologias pós-colheita promovam a redução dos níveis de resíduos de agrotóxicos em mamão, possibilitem a oferta de frutos de qualidade e a ampliação de mercados consumidores, a exemplo do mercado de exportações, gerando impactos positivos para a cadeia produtiva do mamão e contribuir para a sustentabilidade da cultura. O objetivo geral do projeto é determinar a influência de procedimentos atuais de pós-colheita sobre resíduos de agrotóxicos em mamão e reduzir os resíduos de agrotóxicos nos frutos pelo uso de tecnologias pré e pós-colheita de baixo risco a saúde humana.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Eliseth de Souza Viana - Integrante / Deborah dos Santos Garruti - Integrante / Ronielli Cardoso Reis - Integrante / Harllen Sandro Alves Silva - Integrante / Nilton Fritzons Sanches - Integrante / Hermes Peixoto Santos Filho - Integrante / Márcio Eduardo Canto Pereira - Integrante / Jailson Lopes Cruz - Integrante / Fabiana Fumi Cerqueira Sasaki - Coordenador / Arlene Maria Gomes Oliveira - Integrante / José da Silva Souza - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2007 - 2009

    Métodos não convencionais de processamento de sucos de frutas, Descrição: A busca crescente pela preservação da qualidade dos alimentos, tanto os processados como aqueles consumidos in natura, tem levado as indústrias a pesquisar as melhores formas de conservá-los. Desta forma, tem-se avançado muito nos métodos de conservação em nível de pós-colheita e de alimentos processados. A conservação de sucos de frutas tem sido realizada tradicionalmente através do uso de calor e/ou da adição de conservadores químicos, o que pode alterar o aroma, o sabor e o perfil nutricional dos produtos, uma vez que estes atributos são conferidos por substâncias termo-sensíveis. Além disso, muitos países vêm restringindo a comercialização de produtos que contenham aditivos químicos na sua formulação. O progresso no entendimento técnico-científico dos métodos que envolvem tratamento térmico levou ao surgimento de tecnologias que minimizam os efeitos adversos do calor, e tem levado à intensificação dos estudos para a busca de tecnologias alternativas. Dentre esses métodos, incluem-se os tratamentos por alta pressão hidrostática, por membranas, por ultrasom, irradiação (gama e X), por campos magnéticos ou elétricos. A concentração de sucos reduz custos de armazenamento, transporte e minimiza a deterioração por microrganismos. Também é realizada pelo uso do calor, o que pode reduzir a qualidade dos produtos. Osmose inversa e evaporação osmótica são processos de separação com membranas que podem ser aplicados como alternativa à concentração térmica. A encapsulação por atomização é uma outra técnica que resulta em produtos mais estáveis na forma de pó. O Brasil possui uma grande diversidade de frutas, que apresentam características nutricionais e sensoriais distintas, e que, se corretamente processadas, podem contribuir para o desenvolvimento do agronegócio, com produtos de qualidade. Este projeto tem por objetivo avaliar o uso de processos não convencionais de conservação e concentração de sucos de frutas. Foram selecionados os processos de alta pressão, irradiação. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Amauri Rosenthal - Integrante / Lourdes Maria Correa Cabral - Coordenador / Sueli pereira Freitas - Integrante / Angela Aparecida de Lemos Furtado - Integrante / Virginia M da Matta - Integrante / Murillo Freire Jr - Integrante / Edy Sousa de Brito - Integrante / Luiz Antônio Rizzon - Integrante / Maria Auxiliadora C. de Lima - Integrante / Aparecida Claret - Integrante / Rafaella de Andrade Mattieto - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2008

    Aipim orgânico - viabilização da cultura na agricultura familiar do recôncavo baiano, Descrição: Produtos de alta qualidade são importante para agregar valor e garantir a comercialização. O uso de sistemas orgânicos de produção vegetal podem ser importante para garantir tais objetivos, além de aumentar a sustentabilidade agrícola. Os experimentos do projeto iniciaram em agosto de 2005, em três localidades do Recôncavo Baiano avaliando-se cultivares e adubos orgânicos. Os tratamentos para o experimento com adubção orgânica foram: testemunha (sem adubo), farinha de rocha, fosfato de rocha, urina de vaca, esterco de gado, composto, urina+farinha de rocha, urina+fosfato de rocha, esterco+farinha de rocha, esterco+fosfato de rocha. No outro experimento avaliou-se oito cultivares de aipim, oriundas da Embrapa e agricultores. Este foi adubado com esterco+fosfato de rocha. A colheita iniciou-se em junho de 2006. Logo após, novos experimentos foram realizados, considerando os melhores tratamentos e a inserção de outros, tais como a manipueira (subproduto do processo de fabricação da farinha de mandioca) e de cultivares recém lançados. Foram avaliados dados de crescimento das plantas e de produtividade, qualidade de pós-colheita e cozimento das raízes. Integrei-me à equipe do projeto a partir de 2007 e participei dos estudos de pós-colheita da mandioca in natura com casca submetida a tratamentos com parafina e com a mandioca minimamente processada submetida a diferentes tratamentos a fim de aumentar sua vida-de-prateleira. Foram realizadas análises microbiológicas e físico-químicas e verifcou-se que alguns tratamentos promoveram pelo menos 30 dias de vida útil do produto. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Wânia Maria Gonçalves Fukuda - Integrante / Eliseth de Souza Viana - Integrante / Carlos Estevão Leite Cardoso - Integrante / Aldo Vilar Trindade - Integrante / Marcio Eduardo Pereira Canto - Integrante / Carlos Alberto Ledo - Integrante / Ana Cristina Soares Fermino - Integrante / Jaeveson da Silva - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia - Auxílio financeiro.Número de orientações: 1

  • 2004 - 2008

    Desenvolvimento de extrato hidrossolúvel de soja com polpas de frutas tropicais, Descrição: A soja tem tido significativo avanço na Região Nordeste, principalmente no Estado da Bahia, com um crescimento de 54%, em área, no período de seis anos. Dentre as fontes vegetais com potencial de uso na dieta humana, a soja é a que possui maior teor de proteínas de boa qualidade, constituindo alternativa viável para solucionar problemas de desnutrição. No Brasil estima-se que 5 milhões de crianças estejam desnutridas sendo que a desnutrição energético protéica é a principal. Apesar das potencialidades de aproveitamento e do teor protéico, o consumo de produtos elaborados com soja é baixo, no Brasil, por questões culturais, econômicas e problemas de natureza sensorial. O extrato hidrossolúvel de soja, "leite de soja", é uma bebida com notável valor nutricional e propriedades funcionais, podendo ser ingerido na forma líquida ou em pó. A elaboração do extrato hidrossolúvel de soja exige ajustes tecnológicos a fim de minimizar o sabor indesejável sendo que, uma das opções seria a adição de polpa de frutas tropicais ao extrato, contribuindo também para o enriquecimento vitamínico do extrato. Pretende-se desenvolver extrato hidrossolúvel de soja com polpas de frutas tropicais, ainda não disponíveis no mercado interno, de sabor agradável e com potencial nutricional. A obtenção de um novo produto significa oportunidade de investimento no segmento agrícola e agregação de valor às matérias primas.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Rossana Catie Bueno de Godoy - Coordenador / Deborah dos Santos Garruti - Integrante / Rosires Deliza - Integrante / Henriette Monteiro Cordeiro de Azeredo - Integrante / Vera de Toledo Benassi - Integrante., Financiador(es): Banco do Nordeste do Brasil S/A - Auxílio financeiro.

  • 2016 - Atual

    Desenvolvimento de tecnologias pré e pós-colheita para redução de resíduos de agrotóxicos em mamão, Descrição: A cultura do mamoeiro no Brasil possui grande importância socioeconômica, destacando-se como o segundo maior produtor mundial de mamão, com uma área plantada de 31,9 mil hectares e produção de 1,85 milhões de toneladas de frutos. O destino da produção é basicamente para o mercado interno, com destaque para o eixo Rio - São Paulo - Minas. O mercado externo, embora absorva uma pequena parte da produção de frutos, representa uma participação relevante no mercado de frutas para exportação, sendo a nona fruta mais exportada pelo Brasil, com grande potencial de ampliação deste mercado. O reduzido volume de exportações de mamão é resultante de uma série de fatores logísticos limitantes, tais como a ausência de tecnologias pós-colheita que permitam a exportação via modal marítimo, o que aumentaria a competitividade do fruto brasileiro, devido à redução dos custos; e uso excessivo de agrotóxicos acarretando na presença de resíduos nos frutos tem sido também uma importante restrição imposta pelo mercado externo, cenário este, que em breve será também uma realidade do mercado doméstico, considerando a crescente consciência dos consumidores da importância de alimentos saudáveis. A depreciação da qualidade dos frutos é resultante da incidência de doenças pós-colheita, porém na maioria dos casos, as doenças são decorrentes da contaminação dos frutos por inóculos de patógenos ainda no campo. Consequentemente, o atual sistema de produção da cultura do mamoeiro, em especial o manejo fitossanitário, tem requerido a utilização de grandes quantidades de agrotóxicos para o controle de pragas e doenças, tanto no pomar quanto na pós-colheita dos frutos. Neste sentido a aplicação de indutores de resistência em pré-colheita concomitantemente com a adoção de um manejo fitossanitário baseado nos princípios de monitoramento de pragas apresenta potencial para a redução dos níveis de resíduos de agrotóxicos nos frutos. Na perspectiva de reduzir as podridões pós-colheita sem o uso de agrotóxicos, algumas técnicas têm potencial de serem adotadas tais como: controle físico (tratamento térmico e radiação UV-C), controle biológico (bactérias antagonistas), compostos antimicrobianos naturais (extratos vegetais e óleos essências), revestimentos comestíveis, sais inorgânicos e indução de resistência. Neste contexto, o objetivo desta proposta é determinar a influência de procedimentos atuais de pós-colheita sobre resíduos de agrotóxicos em mamão e reduzir os resíduos de agrotóxicos nos frutos pelo uso de tecnologias pré e pós-colheita de baixo risco a saúde humana. Como estratégia de ação o projeto contará com a participação efetiva de três unidades da Embrapa (CNPMA, CNPAT e CNPDIA), de parceiros externos (UEFS, ESALQ e ADAB) e parceria com o setor produtivo representado pela empresa BelloFruit, que está sediada na região do Extremo Sul da Bahia, maior polo de produção de mamão do Brasil. Espera-se que a validação do manejo fitossanitário pré-colheita e a obtenção de tecnologias pós-colheita promovam a redução dos níveis de resíduos de agrotóxicos em mamão, possibilitem a oferta de frutos de qualidade e a ampliação de mercados consumidores, a exemplo do mercado de exportações, gerando impactos positivos para a cadeia produtiva do mamão e contribuir para a sustentabilidade da cultura. O objetivo geral do projeto é determinar a influência de procedimentos atuais de pós-colheita sobre resíduos de agrotóxicos em mamão e reduzir os resíduos de agrotóxicos nos frutos pelo uso de tecnologias pré e pós-colheita de baixo risco a saúde humana.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Eliseth de Souza Viana - Integrante / Deborah dos Santos Garruti - Integrante / Ronielli Cardoso Reis - Integrante / Harllen Sandro Alves Silva - Integrante / Nilton Fritzons Sanches - Integrante / Hermes Peixoto Santos Filho - Integrante / Márcio Eduardo Canto Pereira - Integrante / Jailson Lopes Cruz - Integrante / Fabiana Fumi Cerqueira Sasaki - Coordenador / Arlene Maria Gomes Oliveira - Integrante / José da Silva Souza - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2007 - 2009

    Métodos não convencionais de processamento de sucos de frutas, Descrição: A busca crescente pela preservação da qualidade dos alimentos, tanto os processados como aqueles consumidos in natura, tem levado as indústrias a pesquisar as melhores formas de conservá-los. Desta forma, tem-se avançado muito nos métodos de conservação em nível de pós-colheita e de alimentos processados. A conservação de sucos de frutas tem sido realizada tradicionalmente através do uso de calor e/ou da adição de conservadores químicos, o que pode alterar o aroma, o sabor e o perfil nutricional dos produtos, uma vez que estes atributos são conferidos por substâncias termo-sensíveis. Além disso, muitos países vêm restringindo a comercialização de produtos que contenham aditivos químicos na sua formulação. O progresso no entendimento técnico-científico dos métodos que envolvem tratamento térmico levou ao surgimento de tecnologias que minimizam os efeitos adversos do calor, e tem levado à intensificação dos estudos para a busca de tecnologias alternativas. Dentre esses métodos, incluem-se os tratamentos por alta pressão hidrostática, por membranas, por ultrasom, irradiação (gama e X), por campos magnéticos ou elétricos. A concentração de sucos reduz custos de armazenamento, transporte e minimiza a deterioração por microrganismos. Também é realizada pelo uso do calor, o que pode reduzir a qualidade dos produtos. Osmose inversa e evaporação osmótica são processos de separação com membranas que podem ser aplicados como alternativa à concentração térmica. A encapsulação por atomização é uma outra técnica que resulta em produtos mais estáveis na forma de pó. O Brasil possui uma grande diversidade de frutas, que apresentam características nutricionais e sensoriais distintas, e que, se corretamente processadas, podem contribuir para o desenvolvimento do agronegócio, com produtos de qualidade. Este projeto tem por objetivo avaliar o uso de processos não convencionais de conservação e concentração de sucos de frutas. Foram selecionados os processos de alta pressão, irradiação. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Amauri Rosenthal - Integrante / Lourdes Maria Correa Cabral - Coordenador / Sueli pereira Freitas - Integrante / Angela Aparecida de Lemos Furtado - Integrante / Virginia M da Matta - Integrante / Murillo Freire Jr - Integrante / Edy Sousa de Brito - Integrante / Luiz Antônio Rizzon - Integrante / Maria Auxiliadora C. de Lima - Integrante / Aparecida Claret - Integrante / Rafaella de Andrade Mattieto - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2008

    Aipim orgânico - viabilização da cultura na agricultura familiar do recôncavo baiano, Descrição: Produtos de alta qualidade são importante para agregar valor e garantir a comercialização. O uso de sistemas orgânicos de produção vegetal podem ser importante para garantir tais objetivos, além de aumentar a sustentabilidade agrícola. Os experimentos do projeto iniciaram em agosto de 2005, em três localidades do Recôncavo Baiano avaliando-se cultivares e adubos orgânicos. Os tratamentos para o experimento com adubção orgânica foram: testemunha (sem adubo), farinha de rocha, fosfato de rocha, urina de vaca, esterco de gado, composto, urina+farinha de rocha, urina+fosfato de rocha, esterco+farinha de rocha, esterco+fosfato de rocha. No outro experimento avaliou-se oito cultivares de aipim, oriundas da Embrapa e agricultores. Este foi adubado com esterco+fosfato de rocha. A colheita iniciou-se em junho de 2006. Logo após, novos experimentos foram realizados, considerando os melhores tratamentos e a inserção de outros, tais como a manipueira (subproduto do processo de fabricação da farinha de mandioca) e de cultivares recém lançados. Foram avaliados dados de crescimento das plantas e de produtividade, qualidade de pós-colheita e cozimento das raízes. Integrei-me à equipe do projeto a partir de 2007 e participei dos estudos de pós-colheita da mandioca in natura com casca submetida a tratamentos com parafina e com a mandioca minimamente processada submetida a diferentes tratamentos a fim de aumentar sua vida-de-prateleira. Foram realizadas análises microbiológicas e físico-químicas e verifcou-se que alguns tratamentos promoveram pelo menos 30 dias de vida útil do produto. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Wânia Maria Gonçalves Fukuda - Integrante / Eliseth de Souza Viana - Integrante / Carlos Estevão Leite Cardoso - Integrante / Aldo Vilar Trindade - Integrante / Marcio Eduardo Pereira Canto - Integrante / Carlos Alberto Ledo - Integrante / Ana Cristina Soares Fermino - Integrante / Jaeveson da Silva - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia - Auxílio financeiro / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.Número de orientações: 1

  • 2004 - 2008

    Desenvolvimento de extrato hidrossolúvel de soja com polpas de frutas tropicais, Descrição: A soja tem tido significativo avanço na Região Nordeste, principalmente no Estado da Bahia, com um crescimento de 54%, em área, no período de seis anos. Dentre as fontes vegetais com potencial de uso na dieta humana, a soja é a que possui maior teor de proteínas de boa qualidade, constituindo alternativa viável para solucionar problemas de desnutrição. No Brasil estima-se que 5 milhões de crianças estejam desnutridas sendo que a desnutrição energético protéica é a principal. Apesar das potencialidades de aproveitamento e do teor protéico, o consumo de produtos elaborados com soja é baixo, no Brasil, por questões culturais, econômicas e problemas de natureza sensorial. O extrato hidrossolúvel de soja, "leite de soja", é uma bebida com notável valor nutricional e propriedades funcionais, podendo ser ingerido na forma líquida ou em pó. A elaboração do extrato hidrossolúvel de soja exige ajustes tecnológicos a fim de minimizar o sabor indesejável sendo que, uma das opções seria a adição de polpa de frutas tropicais ao extrato, contribuindo também para o enriquecimento vitamínico do extrato. Pretende-se desenvolver extrato hidrossolúvel de soja com polpas de frutas tropicais, ainda não disponíveis no mercado interno, de sabor agradável e com potencial nutricional. A obtenção de um novo produto significa oportunidade de investimento no segmento agrícola e agregação de valor às matérias primas.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Rossana Catie Bueno de Godoy - Coordenador / Deborah dos Santos Garruti - Integrante / Rosires Deliza - Integrante / Henriette Monteiro Cordeiro de Azeredo - Integrante / Vera de Toledo Benassi - Integrante., Financiador(es): Banco do Nordeste do Brasil S/A - Auxílio financeiro.

  • 2016 - Atual

    Desenvolvimento de tecnologias pré e pós-colheita para redução de resíduos de agrotóxicos em mamão, Descrição: A cultura do mamoeiro no Brasil possui grande importância socioeconômica, destacando-se como o segundo maior produtor mundial de mamão, com uma área plantada de 31,9 mil hectares e produção de 1,85 milhões de toneladas de frutos. O destino da produção é basicamente para o mercado interno, com destaque para o eixo Rio - São Paulo - Minas. O mercado externo, embora absorva uma pequena parte da produção de frutos, representa uma participação relevante no mercado de frutas para exportação, sendo a nona fruta mais exportada pelo Brasil, com grande potencial de ampliação deste mercado. O reduzido volume de exportações de mamão é resultante de uma série de fatores logísticos limitantes, tais como a ausência de tecnologias pós-colheita que permitam a exportação via modal marítimo, o que aumentaria a competitividade do fruto brasileiro, devido à redução dos custos; e uso excessivo de agrotóxicos acarretando na presença de resíduos nos frutos tem sido também uma importante restrição imposta pelo mercado externo, cenário este, que em breve será também uma realidade do mercado doméstico, considerando a crescente consciência dos consumidores da importância de alimentos saudáveis. A depreciação da qualidade dos frutos é resultante da incidência de doenças pós-colheita, porém na maioria dos casos, as doenças são decorrentes da contaminação dos frutos por inóculos de patógenos ainda no campo. Consequentemente, o atual sistema de produção da cultura do mamoeiro, em especial o manejo fitossanitário, tem requerido a utilização de grandes quantidades de agrotóxicos para o controle de pragas e doenças, tanto no pomar quanto na pós-colheita dos frutos. Neste sentido a aplicação de indutores de resistência em pré-colheita concomitantemente com a adoção de um manejo fitossanitário baseado nos princípios de monitoramento de pragas apresenta potencial para a redução dos níveis de resíduos de agrotóxicos nos frutos. Na perspectiva de reduzir as podridões pós-colheita sem o uso de agrotóxicos, algumas técnicas têm potencial de serem adotadas tais como: controle físico (tratamento térmico e radiação UV-C), controle biológico (bactérias antagonistas), compostos antimicrobianos naturais (extratos vegetais e óleos essências), revestimentos comestíveis, sais inorgânicos e indução de resistência. Neste contexto, o objetivo desta proposta é determinar a influência de procedimentos atuais de pós-colheita sobre resíduos de agrotóxicos em mamão e reduzir os resíduos de agrotóxicos nos frutos pelo uso de tecnologias pré e pós-colheita de baixo risco a saúde humana. Como estratégia de ação o projeto contará com a participação efetiva de três unidades da Embrapa (CNPMA, CNPAT e CNPDIA), de parceiros externos (UEFS, ESALQ e ADAB) e parceria com o setor produtivo representado pela empresa BelloFruit, que está sediada na região do Extremo Sul da Bahia, maior polo de produção de mamão do Brasil. Espera-se que a validação do manejo fitossanitário pré-colheita e a obtenção de tecnologias pós-colheita promovam a redução dos níveis de resíduos de agrotóxicos em mamão, possibilitem a oferta de frutos de qualidade e a ampliação de mercados consumidores, a exemplo do mercado de exportações, gerando impactos positivos para a cadeia produtiva do mamão e contribuir para a sustentabilidade da cultura. O objetivo geral do projeto é determinar a influência de procedimentos atuais de pós-colheita sobre resíduos de agrotóxicos em mamão e reduzir os resíduos de agrotóxicos nos frutos pelo uso de tecnologias pré e pós-colheita de baixo risco a saúde humana.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento.

  • 2007 - 2009

    Métodos não convencionais de processamento de sucos de frutas, Descrição: A busca crescente pela preservação da qualidade dos alimentos, tanto os processados como aqueles consumidos in natura, tem levado as indústrias a pesquisar as melhores formas de conservá-los. Desta forma, tem-se avançado muito nos métodos de conservação em nível de pós-colheita e de alimentos processados. A conservação de sucos de frutas tem sido realizada tradicionalmente através do uso de calor e/ou da adição de conservadores químicos, o que pode alterar o aroma, o sabor e o perfil nutricional dos produtos, uma vez que estes atributos são conferidos por substâncias termo-sensíveis. Além disso, muitos países vêm restringindo a comercialização de produtos que contenham aditivos químicos na sua formulação. O progresso no entendimento técnico-científico dos métodos que envolvem tratamento térmico levou ao surgimento de tecnologias que minimizam os efeitos adversos do calor, e tem levado à intensificação dos estudos para a busca de tecnologias alternativas. Dentre esses métodos, incluem-se os tratamentos por alta pressão hidrostática, por membranas, por ultrasom, irradiação (gama e X), por campos magnéticos ou elétricos. A concentração de sucos reduz custos de armazenamento, transporte e minimiza a deterioração por microrganismos. Também é realizada pelo uso do calor, o que pode reduzir a qualidade dos produtos. Osmose inversa e evaporação osmótica são processos de separação com membranas que podem ser aplicados como alternativa à concentração térmica. A encapsulação por atomização é uma outra técnica que resulta em produtos mais estáveis na forma de pó. O Brasil possui uma grande diversidade de frutas, que apresentam características nutricionais e sensoriais distintas, e que, se corretamente processadas, podem contribuir para o desenvolvimento do agronegócio, com produtos de qualidade. Este projeto tem por objetivo avaliar o uso de processos não convencionais de conservação e concentração de sucos de frutas. Foram selecionados os processos de alta pressão, irradiação. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Amauri Rosenthal - Integrante / Lourdes Maria Correa Cabral - Coordenador / Sueli pereira Freitas - Integrante / Angela Aparecida de Lemos Furtado - Integrante / Virginia M da Matta - Integrante / Murillo Freire Jr - Integrante / Edy Sousa de Brito - Integrante / Luiz Antônio Rizzon - Integrante / Maria Auxiliadora C. de Lima - Integrante / Aparecida Claret - Integrante / Rafaella de Andrade Mattieto - Integrante.Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2008

    Aipim orgânico - viabilização da cultura na agricultura familiar do recôncavo baiano, Descrição: Produtos de alta qualidade são importante para agregar valor e garantir a comercialização. O uso de sistemas orgânicos de produção vegetal podem ser importante para garantir tais objetivos, além de aumentar a sustentabilidade agrícola. Os experimentos do projeto iniciaram em agosto de 2005, em três localidades do Recôncavo Baiano avaliando-se cultivares e adubos orgânicos. Os tratamentos para o experimento com adubção orgânica foram: testemunha (sem adubo), farinha de rocha, fosfato de rocha, urina de vaca, esterco de gado, composto, urina+farinha de rocha, urina+fosfato de rocha, esterco+farinha de rocha, esterco+fosfato de rocha. No outro experimento avaliou-se oito cultivares de aipim, oriundas da Embrapa e agricultores. Este foi adubado com esterco+fosfato de rocha. A colheita iniciou-se em junho de 2006. Logo após, novos experimentos foram realizados, considerando os melhores tratamentos e a inserção de outros, tais como a manipueira (subproduto do processo de fabricação da farinha de mandioca) e de cultivares recém lançados. Foram avaliados dados de crescimento das plantas e de produtividade, qualidade de pós-colheita e cozimento das raízes. Integrei-me à equipe do projeto a partir de 2007 e participei dos estudos de pós-colheita da mandioca in natura com casca submetida a tratamentos com parafina e com a mandioca minimamente processada submetida a diferentes tratamentos a fim de aumentar sua vida-de-prateleira. Foram realizadas análises microbiológicas e físico-químicas e verifcou-se que alguns tratamentos promoveram pelo menos 30 dias de vida útil do produto. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Wânia Maria Gonçalves Fukuda - Integrante / Eliseth de Souza Viana - Integrante / Carlos Estevão Leite Cardoso - Integrante / Aldo Vilar Trindade - Integrante / Marcio Eduardo Pereira Canto - Integrante / Carlos Alberto Ledo - Integrante / Ana Cristina Soares Fermino - Integrante / Jaeveson da Silva - Coordenador.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia - Auxílio financeiro.Número de orientações: 1

  • 2004 - 2008

    Desenvolvimento de extrato hidrossolúvel de soja com polpas de frutas tropicais, Descrição: A soja tem tido significativo avanço na Região Nordeste, principalmente no Estado da Bahia, com um crescimento de 54%, em área, no período de seis anos. Dentre as fontes vegetais com potencial de uso na dieta humana, a soja é a que possui maior teor de proteínas de boa qualidade, constituindo alternativa viável para solucionar problemas de desnutrição. No Brasil estima-se que 5 milhões de crianças estejam desnutridas sendo que a desnutrição energético protéica é a principal. Apesar das potencialidades de aproveitamento e do teor protéico, o consumo de produtos elaborados com soja é baixo, no Brasil, por questões culturais, econômicas e problemas de natureza sensorial. O extrato hidrossolúvel de soja, "leite de soja", é uma bebida com notável valor nutricional e propriedades funcionais, podendo ser ingerido na forma líquida ou em pó. A elaboração do extrato hidrossolúvel de soja exige ajustes tecnológicos a fim de minimizar o sabor indesejável sendo que, uma das opções seria a adição de polpa de frutas tropicais ao extrato, contribuindo também para o enriquecimento vitamínico do extrato. Pretende-se desenvolver extrato hidrossolúvel de soja com polpas de frutas tropicais, ainda não disponíveis no mercado interno, de sabor agradável e com potencial nutricional. A obtenção de um novo produto significa oportunidade de investimento no segmento agrícola e agregação de valor às matérias primas.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento.

  • 2016 - Atual

    Desenvolvimento de tecnologias pré e pós-colheita para redução de resíduos de agrotóxicos em mamão, Descrição: A cultura do mamoeiro no Brasil possui grande importância socioeconômica, destacando-se como o segundo maior produtor mundial de mamão, com uma área plantada de 31,9 mil hectares e produção de 1,85 milhões de toneladas de frutos. O destino da produção é basicamente para o mercado interno, com destaque para o eixo Rio - São Paulo - Minas. O mercado externo, embora absorva uma pequena parte da produção de frutos, representa uma participação relevante no mercado de frutas para exportação, sendo a nona fruta mais exportada pelo Brasil, com grande potencial de ampliação deste mercado. O reduzido volume de exportações de mamão é resultante de uma série de fatores logísticos limitantes, tais como a ausência de tecnologias pós-colheita que permitam a exportação via modal marítimo, o que aumentaria a competitividade do fruto brasileiro, devido à redução dos custos; e uso excessivo de agrotóxicos acarretando na presença de resíduos nos frutos tem sido também uma importante restrição imposta pelo mercado externo, cenário este, que em breve será também uma realidade do mercado doméstico, considerando a crescente consciência dos consumidores da importância de alimentos saudáveis. A depreciação da qualidade dos frutos é resultante da incidência de doenças pós-colheita, porém na maioria dos casos, as doenças são decorrentes da contaminação dos frutos por inóculos de patógenos ainda no campo. Consequentemente, o atual sistema de produção da cultura do mamoeiro, em especial o manejo fitossanitário, tem requerido a utilização de grandes quantidades de agrotóxicos para o controle de pragas e doenças, tanto no pomar quanto na pós-colheita dos frutos. Neste sentido a aplicação de indutores de resistência em pré-colheita concomitantemente com a adoção de um manejo fitossanitário baseado nos princípios de monitoramento de pragas apresenta potencial para a redução dos níveis de resíduos de agrotóxicos nos frutos. Na perspectiva de reduzir as podridões pós-colheita sem o uso de agrotóxicos, algumas técnicas têm potencial de serem adotadas tais como: controle físico (tratamento térmico e radiação UV-C), controle biológico (bactérias antagonistas), compostos antimicrobianos naturais (extratos vegetais e óleos essências), revestimentos comestíveis, sais inorgânicos e indução de resistência. Neste contexto, o objetivo desta proposta é determinar a influência de procedimentos atuais de pós-colheita sobre resíduos de agrotóxicos em mamão e reduzir os resíduos de agrotóxicos nos frutos pelo uso de tecnologias pré e pós-colheita de baixo risco a saúde humana. Como estratégia de ação o projeto contará com a participação efetiva de três unidades da Embrapa (CNPMA, CNPAT e CNPDIA), de parceiros externos (UEFS, ESALQ e ADAB) e parceria com o setor produtivo representado pela empresa BelloFruit, que está sediada na região do Extremo Sul da Bahia, maior polo de produção de mamão do Brasil. Espera-se que a validação do manejo fitossanitário pré-colheita e a obtenção de tecnologias pós-colheita promovam a redução dos níveis de resíduos de agrotóxicos em mamão, possibilitem a oferta de frutos de qualidade e a ampliação de mercados consumidores, a exemplo do mercado de exportações, gerando impactos positivos para a cadeia produtiva do mamão e contribuir para a sustentabilidade da cultura. O objetivo geral do projeto é determinar a influência de procedimentos atuais de pós-colheita sobre resíduos de agrotóxicos em mamão e reduzir os resíduos de agrotóxicos nos frutos pelo uso de tecnologias pré e pós-colheita de baixo risco a saúde humana.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Eliseth de Souza Viana - Integrante / Deborah dos Santos Garruti - Integrante / Ronielli Cardoso Reis - Integrante / Harllen Sandro Alves Silva - Integrante / Nilton Fritzons Sanches - Integrante / Hermes Peixoto Santos Filho - Integrante / Márcio Eduardo Canto Pereira - Integrante / Jailson Lopes Cruz - Integrante / Fabiana Fumi Cerqueira Sasaki - Coordenador / Arlene Maria Gomes Oliveira - Integrante / José da Silva Souza - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2007 - 2009

    Métodos não convencionais de processamento de sucos de frutas, Descrição: A busca crescente pela preservação da qualidade dos alimentos, tanto os processados como aqueles consumidos in natura, tem levado as indústrias a pesquisar as melhores formas de conservá-los. Desta forma, tem-se avançado muito nos métodos de conservação em nível de pós-colheita e de alimentos processados. A conservação de sucos de frutas tem sido realizada tradicionalmente através do uso de calor e/ou da adição de conservadores químicos, o que pode alterar o aroma, o sabor e o perfil nutricional dos produtos, uma vez que estes atributos são conferidos por substâncias termo-sensíveis. Além disso, muitos países vêm restringindo a comercialização de produtos que contenham aditivos químicos na sua formulação. O progresso no entendimento técnico-científico dos métodos que envolvem tratamento térmico levou ao surgimento de tecnologias que minimizam os efeitos adversos do calor, e tem levado à intensificação dos estudos para a busca de tecnologias alternativas. Dentre esses métodos, incluem-se os tratamentos por alta pressão hidrostática, por membranas, por ultrasom, irradiação (gama e X), por campos magnéticos ou elétricos. A concentração de sucos reduz custos de armazenamento, transporte e minimiza a deterioração por microrganismos. Também é realizada pelo uso do calor, o que pode reduzir a qualidade dos produtos. Osmose inversa e evaporação osmótica são processos de separação com membranas que podem ser aplicados como alternativa à concentração térmica. A encapsulação por atomização é uma outra técnica que resulta em produtos mais estáveis na forma de pó. O Brasil possui uma grande diversidade de frutas, que apresentam características nutricionais e sensoriais distintas, e que, se corretamente processadas, podem contribuir para o desenvolvimento do agronegócio, com produtos de qualidade. Este projeto tem por objetivo avaliar o uso de processos não convencionais de conservação e concentração de sucos de frutas. Foram selecionados os processos de alta pressão, irradiação. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Amauri Rosenthal - Integrante / Lourdes Maria Correa Cabral - Coordenador / Sueli pereira Freitas - Integrante / Angela Aparecida de Lemos Furtado - Integrante / Virginia M da Matta - Integrante / Murillo Freire Jr - Integrante / Edy Sousa de Brito - Integrante / Luiz Antônio Rizzon - Integrante / Maria Auxiliadora C. de Lima - Integrante / Aparecida Claret - Integrante / Rafaella de Andrade Mattieto - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2008

    Aipim orgânico - viabilização da cultura na agricultura familiar do recôncavo baiano, Descrição: Produtos de alta qualidade são importante para agregar valor e garantir a comercialização. O uso de sistemas orgânicos de produção vegetal podem ser importante para garantir tais objetivos, além de aumentar a sustentabilidade agrícola. Os experimentos do projeto iniciaram em agosto de 2005, em três localidades do Recôncavo Baiano avaliando-se cultivares e adubos orgânicos. Os tratamentos para o experimento com adubção orgânica foram: testemunha (sem adubo), farinha de rocha, fosfato de rocha, urina de vaca, esterco de gado, composto, urina+farinha de rocha, urina+fosfato de rocha, esterco+farinha de rocha, esterco+fosfato de rocha. No outro experimento avaliou-se oito cultivares de aipim, oriundas da Embrapa e agricultores. Este foi adubado com esterco+fosfato de rocha. A colheita iniciou-se em junho de 2006. Logo após, novos experimentos foram realizados, considerando os melhores tratamentos e a inserção de outros, tais como a manipueira (subproduto do processo de fabricação da farinha de mandioca) e de cultivares recém lançados. Foram avaliados dados de crescimento das plantas e de produtividade, qualidade de pós-colheita e cozimento das raízes. Integrei-me à equipe do projeto a partir de 2007 e participei dos estudos de pós-colheita da mandioca in natura com casca submetida a tratamentos com parafina e com a mandioca minimamente processada submetida a diferentes tratamentos a fim de aumentar sua vida-de-prateleira. Foram realizadas análises microbiológicas e físico-químicas e verifcou-se que alguns tratamentos promoveram pelo menos 30 dias de vida útil do produto. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Wânia Maria Gonçalves Fukuda - Integrante / Eliseth de Souza Viana - Integrante / Carlos Estevão Leite Cardoso - Integrante / Aldo Vilar Trindade - Integrante / Marcio Eduardo Pereira Canto - Integrante / Carlos Alberto Ledo - Integrante / Ana Cristina Soares Fermino - Integrante / Jaeveson da Silva - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia - Auxílio financeiro.Número de orientações: 1

  • 2004 - 2008

    Desenvolvimento de extrato hidrossolúvel de soja com polpas de frutas tropicais, Descrição: A soja tem tido significativo avanço na Região Nordeste, principalmente no Estado da Bahia, com um crescimento de 54%, em área, no período de seis anos. Dentre as fontes vegetais com potencial de uso na dieta humana, a soja é a que possui maior teor de proteínas de boa qualidade, constituindo alternativa viável para solucionar problemas de desnutrição. No Brasil estima-se que 5 milhões de crianças estejam desnutridas sendo que a desnutrição energético protéica é a principal. Apesar das potencialidades de aproveitamento e do teor protéico, o consumo de produtos elaborados com soja é baixo, no Brasil, por questões culturais, econômicas e problemas de natureza sensorial. O extrato hidrossolúvel de soja, "leite de soja", é uma bebida com notável valor nutricional e propriedades funcionais, podendo ser ingerido na forma líquida ou em pó. A elaboração do extrato hidrossolúvel de soja exige ajustes tecnológicos a fim de minimizar o sabor indesejável sendo que, uma das opções seria a adição de polpa de frutas tropicais ao extrato, contribuindo também para o enriquecimento vitamínico do extrato. Pretende-se desenvolver extrato hidrossolúvel de soja com polpas de frutas tropicais, ainda não disponíveis no mercado interno, de sabor agradável e com potencial nutricional. A obtenção de um novo produto significa oportunidade de investimento no segmento agrícola e agregação de valor às matérias primas.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Rossana Catie Bueno de Godoy - Coordenador / Deborah dos Santos Garruti - Integrante / Rosires Deliza - Integrante / Henriette Monteiro Cordeiro de Azeredo - Integrante / Vera de Toledo Benassi - Integrante., Financiador(es): Banco do Nordeste do Brasil S/A - Auxílio financeiro.

  • 2016 - Atual

    Desenvolvimento de tecnologias pré e pós-colheita para redução de resíduos de agrotóxicos em mamão, Descrição: A cultura do mamoeiro no Brasil possui grande importância socioeconômica, destacando-se como o segundo maior produtor mundial de mamão, com uma área plantada de 31,9 mil hectares e produção de 1,85 milhões de toneladas de frutos. O destino da produção é basicamente para o mercado interno, com destaque para o eixo Rio - São Paulo - Minas. O mercado externo, embora absorva uma pequena parte da produção de frutos, representa uma participação relevante no mercado de frutas para exportação, sendo a nona fruta mais exportada pelo Brasil, com grande potencial de ampliação deste mercado. O reduzido volume de exportações de mamão é resultante de uma série de fatores logísticos limitantes, tais como a ausência de tecnologias pós-colheita que permitam a exportação via modal marítimo, o que aumentaria a competitividade do fruto brasileiro, devido à redução dos custos; e uso excessivo de agrotóxicos acarretando na presença de resíduos nos frutos tem sido também uma importante restrição imposta pelo mercado externo, cenário este, que em breve será também uma realidade do mercado doméstico, considerando a crescente consciência dos consumidores da importância de alimentos saudáveis. A depreciação da qualidade dos frutos é resultante da incidência de doenças pós-colheita, porém na maioria dos casos, as doenças são decorrentes da contaminação dos frutos por inóculos de patógenos ainda no campo. Consequentemente, o atual sistema de produção da cultura do mamoeiro, em especial o manejo fitossanitário, tem requerido a utilização de grandes quantidades de agrotóxicos para o controle de pragas e doenças, tanto no pomar quanto na pós-colheita dos frutos. Neste sentido a aplicação de indutores de resistência em pré-colheita concomitantemente com a adoção de um manejo fitossanitário baseado nos princípios de monitoramento de pragas apresenta potencial para a redução dos níveis de resíduos de agrotóxicos nos frutos. Na perspectiva de reduzir as podridões pós-colheita sem o uso de agrotóxicos, algumas técnicas têm potencial de serem adotadas tais como: controle físico (tratamento térmico e radiação UV-C), controle biológico (bactérias antagonistas), compostos antimicrobianos naturais (extratos vegetais e óleos essências), revestimentos comestíveis, sais inorgânicos e indução de resistência. Neste contexto, o objetivo desta proposta é determinar a influência de procedimentos atuais de pós-colheita sobre resíduos de agrotóxicos em mamão e reduzir os resíduos de agrotóxicos nos frutos pelo uso de tecnologias pré e pós-colheita de baixo risco a saúde humana. Como estratégia de ação o projeto contará com a participação efetiva de três unidades da Embrapa (CNPMA, CNPAT e CNPDIA), de parceiros externos (UEFS, ESALQ e ADAB) e parceria com o setor produtivo representado pela empresa BelloFruit, que está sediada na região do Extremo Sul da Bahia, maior polo de produção de mamão do Brasil. Espera-se que a validação do manejo fitossanitário pré-colheita e a obtenção de tecnologias pós-colheita promovam a redução dos níveis de resíduos de agrotóxicos em mamão, possibilitem a oferta de frutos de qualidade e a ampliação de mercados consumidores, a exemplo do mercado de exportações, gerando impactos positivos para a cadeia produtiva do mamão e contribuir para a sustentabilidade da cultura. O objetivo geral do projeto é determinar a influência de procedimentos atuais de pós-colheita sobre resíduos de agrotóxicos em mamão e reduzir os resíduos de agrotóxicos nos frutos pelo uso de tecnologias pré e pós-colheita de baixo risco a saúde humana.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Eliseth de Souza Viana - Integrante / Deborah dos Santos Garruti - Integrante / Ronielli Cardoso Reis - Integrante / Harllen Sandro Alves Silva - Integrante / Nilton Fritzons Sanches - Integrante / Hermes Peixoto Santos Filho - Integrante / Márcio Eduardo Canto Pereira - Integrante / Jailson Lopes Cruz - Integrante / Fabiana Fumi Cerqueira Sasaki - Coordenador / Arlene Maria Gomes Oliveira - Integrante / José da Silva Souza - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2007 - 2009

    Métodos não convencionais de processamento de sucos de frutas, Descrição: A busca crescente pela preservação da qualidade dos alimentos, tanto os processados como aqueles consumidos in natura, tem levado as indústrias a pesquisar as melhores formas de conservá-los. Desta forma, tem-se avançado muito nos métodos de conservação em nível de pós-colheita e de alimentos processados. A conservação de sucos de frutas tem sido realizada tradicionalmente através do uso de calor e/ou da adição de conservadores químicos, o que pode alterar o aroma, o sabor e o perfil nutricional dos produtos, uma vez que estes atributos são conferidos por substâncias termo-sensíveis. Além disso, muitos países vêm restringindo a comercialização de produtos que contenham aditivos químicos na sua formulação. O progresso no entendimento técnico-científico dos métodos que envolvem tratamento térmico levou ao surgimento de tecnologias que minimizam os efeitos adversos do calor, e tem levado à intensificação dos estudos para a busca de tecnologias alternativas. Dentre esses métodos, incluem-se os tratamentos por alta pressão hidrostática, por membranas, por ultrasom, irradiação (gama e X), por campos magnéticos ou elétricos. A concentração de sucos reduz custos de armazenamento, transporte e minimiza a deterioração por microrganismos. Também é realizada pelo uso do calor, o que pode reduzir a qualidade dos produtos. Osmose inversa e evaporação osmótica são processos de separação com membranas que podem ser aplicados como alternativa à concentração térmica. A encapsulação por atomização é uma outra técnica que resulta em produtos mais estáveis na forma de pó. O Brasil possui uma grande diversidade de frutas, que apresentam características nutricionais e sensoriais distintas, e que, se corretamente processadas, podem contribuir para o desenvolvimento do agronegócio, com produtos de qualidade. Este projeto tem por objetivo avaliar o uso de processos não convencionais de conservação e concentração de sucos de frutas. Foram selecionados os processos de alta pressão, irradiação. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Amauri Rosenthal - Integrante / Lourdes Maria Correa Cabral - Coordenador / Sueli pereira Freitas - Integrante / Angela Aparecida de Lemos Furtado - Integrante / Virginia M da Matta - Integrante / Murillo Freire Jr - Integrante / Edy Sousa de Brito - Integrante / Luiz Antônio Rizzon - Integrante / Maria Auxiliadora C. de Lima - Integrante / Aparecida Claret - Integrante / Rafaella de Andrade Mattieto - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2008

    Aipim orgânico - viabilização da cultura na agricultura familiar do recôncavo baiano, Descrição: Produtos de alta qualidade são importante para agregar valor e garantir a comercialização. O uso de sistemas orgânicos de produção vegetal podem ser importante para garantir tais objetivos, além de aumentar a sustentabilidade agrícola. Os experimentos do projeto iniciaram em agosto de 2005, em três localidades do Recôncavo Baiano avaliando-se cultivares e adubos orgânicos. Os tratamentos para o experimento com adubção orgânica foram: testemunha (sem adubo), farinha de rocha, fosfato de rocha, urina de vaca, esterco de gado, composto, urina+farinha de rocha, urina+fosfato de rocha, esterco+farinha de rocha, esterco+fosfato de rocha. No outro experimento avaliou-se oito cultivares de aipim, oriundas da Embrapa e agricultores. Este foi adubado com esterco+fosfato de rocha. A colheita iniciou-se em junho de 2006. Logo após, novos experimentos foram realizados, considerando os melhores tratamentos e a inserção de outros, tais como a manipueira (subproduto do processo de fabricação da farinha de mandioca) e de cultivares recém lançados. Foram avaliados dados de crescimento das plantas e de produtividade, qualidade de pós-colheita e cozimento das raízes. Integrei-me à equipe do projeto a partir de 2007 e participei dos estudos de pós-colheita da mandioca in natura com casca submetida a tratamentos com parafina e com a mandioca minimamente processada submetida a diferentes tratamentos a fim de aumentar sua vida-de-prateleira. Foram realizadas análises microbiológicas e físico-químicas e verifcou-se que alguns tratamentos promoveram pelo menos 30 dias de vida útil do produto. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Wânia Maria Gonçalves Fukuda - Integrante / Eliseth de Souza Viana - Integrante / Carlos Estevão Leite Cardoso - Integrante / Aldo Vilar Trindade - Integrante / Marcio Eduardo Pereira Canto - Integrante / Carlos Alberto Ledo - Integrante / Ana Cristina Soares Fermino - Integrante / Jaeveson da Silva - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia - Auxílio financeiro / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.Número de orientações: 1

  • 2004 - 2008

    Desenvolvimento de extrato hidrossolúvel de soja com polpas de frutas tropicais, Descrição: A soja tem tido significativo avanço na Região Nordeste, principalmente no Estado da Bahia, com um crescimento de 54%, em área, no período de seis anos. Dentre as fontes vegetais com potencial de uso na dieta humana, a soja é a que possui maior teor de proteínas de boa qualidade, constituindo alternativa viável para solucionar problemas de desnutrição. No Brasil estima-se que 5 milhões de crianças estejam desnutridas sendo que a desnutrição energético protéica é a principal. Apesar das potencialidades de aproveitamento e do teor protéico, o consumo de produtos elaborados com soja é baixo, no Brasil, por questões culturais, econômicas e problemas de natureza sensorial. O extrato hidrossolúvel de soja, "leite de soja", é uma bebida com notável valor nutricional e propriedades funcionais, podendo ser ingerido na forma líquida ou em pó. A elaboração do extrato hidrossolúvel de soja exige ajustes tecnológicos a fim de minimizar o sabor indesejável sendo que, uma das opções seria a adição de polpa de frutas tropicais ao extrato, contribuindo também para o enriquecimento vitamínico do extrato. Pretende-se desenvolver extrato hidrossolúvel de soja com polpas de frutas tropicais, ainda não disponíveis no mercado interno, de sabor agradável e com potencial nutricional. A obtenção de um novo produto significa oportunidade de investimento no segmento agrícola e agregação de valor às matérias primas.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Rossana Catie Bueno de Godoy - Coordenador / Deborah dos Santos Garruti - Integrante / Rosires Deliza - Integrante / Henriette Monteiro Cordeiro de Azeredo - Integrante / Vera de Toledo Benassi - Integrante., Financiador(es): Banco do Nordeste do Brasil S/A - Auxílio financeiro.

  • 2016 - 2020

    Desenvolvimento de tecnologias pré e pós-colheita para redução de resíduos de agrotóxicos em mamão, Descrição: A cultura do mamoeiro no Brasil possui grande importância socioeconômica, destacando-se como o segundo maior produtor mundial de mamão, com uma área plantada de 31,9 mil hectares e produção de 1,85 milhões de toneladas de frutos. O destino da produção é basicamente para o mercado interno, com destaque para o eixo Rio - São Paulo - Minas. O mercado externo, embora absorva uma pequena parte da produção de frutos, representa uma participação relevante no mercado de frutas para exportação, sendo a nona fruta mais exportada pelo Brasil, com grande potencial de ampliação deste mercado. O reduzido volume de exportações de mamão é resultante de uma série de fatores logísticos limitantes, tais como a ausência de tecnologias pós-colheita que permitam a exportação via modal marítimo, o que aumentaria a competitividade do fruto brasileiro, devido à redução dos custos; e uso excessivo de agrotóxicos acarretando na presença de resíduos nos frutos tem sido também uma importante restrição imposta pelo mercado externo, cenário este, que em breve será também uma realidade do mercado doméstico, considerando a crescente consciência dos consumidores da importância de alimentos saudáveis. A depreciação da qualidade dos frutos é resultante da incidência de doenças pós-colheita, porém na maioria dos casos, as doenças são decorrentes da contaminação dos frutos por inóculos de patógenos ainda no campo. Consequentemente, o atual sistema de produção da cultura do mamoeiro, em especial o manejo fitossanitário, tem requerido a utilização de grandes quantidades de agrotóxicos para o controle de pragas e doenças, tanto no pomar quanto na pós-colheita dos frutos. Neste sentido a aplicação de indutores de resistência em pré-colheita concomitantemente com a adoção de um manejo fitossanitário baseado nos princípios de monitoramento de pragas apresenta potencial para a redução dos níveis de resíduos de agrotóxicos nos frutos. Na perspectiva de reduzir as podridões pós-colheita sem o uso de agrotóxicos, algumas técnicas têm potencial de serem adotadas tais como: controle físico (tratamento térmico e radiação UV-C), controle biológico (bactérias antagonistas), compostos antimicrobianos naturais (extratos vegetais e óleos essências), revestimentos comestíveis, sais inorgânicos e indução de resistência. Neste contexto, o objetivo desta proposta é determinar a influência de procedimentos atuais de pós-colheita sobre resíduos de agrotóxicos em mamão e reduzir os resíduos de agrotóxicos nos frutos pelo uso de tecnologias pré e pós-colheita de baixo risco a saúde humana. Como estratégia de ação o projeto contará com a participação efetiva de três unidades da Embrapa (CNPMA, CNPAT e CNPDIA), de parceiros externos (UEFS, ESALQ e ADAB) e parceria com o setor produtivo representado pela empresa BelloFruit, que está sediada na região do Extremo Sul da Bahia, maior polo de produção de mamão do Brasil. Espera-se que a validação do manejo fitossanitário pré-colheita e a obtenção de tecnologias pós-colheita promovam a redução dos níveis de resíduos de agrotóxicos em mamão, possibilitem a oferta de frutos de qualidade e a ampliação de mercados consumidores, a exemplo do mercado de exportações, gerando impactos positivos para a cadeia produtiva do mamão e contribuir para a sustentabilidade da cultura. O objetivo geral do projeto é determinar a influência de procedimentos atuais de pós-colheita sobre resíduos de agrotóxicos em mamão e reduzir os resíduos de agrotóxicos nos frutos pelo uso de tecnologias pré e pós-colheita de baixo risco a saúde humana.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Eliseth de Souza Viana - Integrante / Deborah dos Santos Garruti - Integrante / Ronielli Cardoso Reis - Integrante / Harllen Sandro Alves Silva - Integrante / Nilton Fritzons Sanches - Integrante / Hermes Peixoto Santos Filho - Integrante / Márcio Eduardo Canto Pereira - Integrante / Jailson Lopes Cruz - Integrante / Fabiana Fumi Cerqueira Sasaki - Coordenador / Arlene Maria Gomes Oliveira - Integrante / José da Silva Souza - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2007 - 2009

    Métodos não convencionais de processamento de sucos de frutas, Descrição: A busca crescente pela preservação da qualidade dos alimentos, tanto os processados como aqueles consumidos in natura, tem levado as indústrias a pesquisar as melhores formas de conservá-los. Desta forma, tem-se avançado muito nos métodos de conservação em nível de pós-colheita e de alimentos processados. A conservação de sucos de frutas tem sido realizada tradicionalmente através do uso de calor e/ou da adição de conservadores químicos, o que pode alterar o aroma, o sabor e o perfil nutricional dos produtos, uma vez que estes atributos são conferidos por substâncias termo-sensíveis. Além disso, muitos países vêm restringindo a comercialização de produtos que contenham aditivos químicos na sua formulação. O progresso no entendimento técnico-científico dos métodos que envolvem tratamento térmico levou ao surgimento de tecnologias que minimizam os efeitos adversos do calor, e tem levado à intensificação dos estudos para a busca de tecnologias alternativas. Dentre esses métodos, incluem-se os tratamentos por alta pressão hidrostática, por membranas, por ultrasom, irradiação (gama e X), por campos magnéticos ou elétricos. A concentração de sucos reduz custos de armazenamento, transporte e minimiza a deterioração por microrganismos. Também é realizada pelo uso do calor, o que pode reduzir a qualidade dos produtos. Osmose inversa e evaporação osmótica são processos de separação com membranas que podem ser aplicados como alternativa à concentração térmica. A encapsulação por atomização é uma outra técnica que resulta em produtos mais estáveis na forma de pó. O Brasil possui uma grande diversidade de frutas, que apresentam características nutricionais e sensoriais distintas, e que, se corretamente processadas, podem contribuir para o desenvolvimento do agronegócio, com produtos de qualidade. Este projeto tem por objetivo avaliar o uso de processos não convencionais de conservação e concentração de sucos de frutas. Foram selecionados os processos de alta pressão, irradiação. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Amauri Rosenthal - Integrante / Lourdes Maria Correa Cabral - Coordenador / Sueli pereira Freitas - Integrante / Angela Aparecida de Lemos Furtado - Integrante / Virginia M da Matta - Integrante / Murillo Freire Jr - Integrante / Edy Sousa de Brito - Integrante / Luiz Antônio Rizzon - Integrante / Maria Auxiliadora C. de Lima - Integrante / Aparecida Claret - Integrante / Rafaella de Andrade Mattieto - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2008

    Aipim orgânico - viabilização da cultura na agricultura familiar do recôncavo baiano, Descrição: Produtos de alta qualidade são importante para agregar valor e garantir a comercialização. O uso de sistemas orgânicos de produção vegetal podem ser importante para garantir tais objetivos, além de aumentar a sustentabilidade agrícola. Os experimentos do projeto iniciaram em agosto de 2005, em três localidades do Recôncavo Baiano avaliando-se cultivares e adubos orgânicos. Os tratamentos para o experimento com adubção orgânica foram: testemunha (sem adubo), farinha de rocha, fosfato de rocha, urina de vaca, esterco de gado, composto, urina+farinha de rocha, urina+fosfato de rocha, esterco+farinha de rocha, esterco+fosfato de rocha. No outro experimento avaliou-se oito cultivares de aipim, oriundas da Embrapa e agricultores. Este foi adubado com esterco+fosfato de rocha. A colheita iniciou-se em junho de 2006. Logo após, novos experimentos foram realizados, considerando os melhores tratamentos e a inserção de outros, tais como a manipueira (subproduto do processo de fabricação da farinha de mandioca) e de cultivares recém lançados. Foram avaliados dados de crescimento das plantas e de produtividade, qualidade de pós-colheita e cozimento das raízes. Integrei-me à equipe do projeto a partir de 2007 e participei dos estudos de pós-colheita da mandioca in natura com casca submetida a tratamentos com parafina e com a mandioca minimamente processada submetida a diferentes tratamentos a fim de aumentar sua vida-de-prateleira. Foram realizadas análises microbiológicas e físico-químicas e verifcou-se que alguns tratamentos promoveram pelo menos 30 dias de vida útil do produto. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Wânia Maria Gonçalves Fukuda - Integrante / Eliseth de Souza Viana - Integrante / Carlos Estevão Leite Cardoso - Integrante / Aldo Vilar Trindade - Integrante / Marcio Eduardo Pereira Canto - Integrante / Carlos Alberto Ledo - Integrante / Ana Cristina Soares Fermino - Integrante / Jaeveson da Silva - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia - Auxílio financeiro / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.Número de orientações: 1

  • 2004 - 2008

    Desenvolvimento de extrato hidrossolúvel de soja com polpas de frutas tropicais, Descrição: A soja tem tido significativo avanço na Região Nordeste, principalmente no Estado da Bahia, com um crescimento de 54%, em área, no período de seis anos. Dentre as fontes vegetais com potencial de uso na dieta humana, a soja é a que possui maior teor de proteínas de boa qualidade, constituindo alternativa viável para solucionar problemas de desnutrição. No Brasil estima-se que 5 milhões de crianças estejam desnutridas sendo que a desnutrição energético protéica é a principal. Apesar das potencialidades de aproveitamento e do teor protéico, o consumo de produtos elaborados com soja é baixo, no Brasil, por questões culturais, econômicas e problemas de natureza sensorial. O extrato hidrossolúvel de soja, "leite de soja", é uma bebida com notável valor nutricional e propriedades funcionais, podendo ser ingerido na forma líquida ou em pó. A elaboração do extrato hidrossolúvel de soja exige ajustes tecnológicos a fim de minimizar o sabor indesejável sendo que, uma das opções seria a adição de polpa de frutas tropicais ao extrato, contribuindo também para o enriquecimento vitamínico do extrato. Pretende-se desenvolver extrato hidrossolúvel de soja com polpas de frutas tropicais, ainda não disponíveis no mercado interno, de sabor agradável e com potencial nutricional. A obtenção de um novo produto significa oportunidade de investimento no segmento agrícola e agregação de valor às matérias primas.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Rossana Catie Bueno de Godoy - Coordenador / Deborah dos Santos Garruti - Integrante / Rosires Deliza - Integrante / Henriette Monteiro Cordeiro de Azeredo - Integrante / Vera de Toledo Benassi - Integrante., Financiador(es): Banco do Nordeste do Brasil S/A - Auxílio financeiro.

  • 2007 - 2009

    Métodos não convencionais de processamento de sucos de frutas, Descrição: A busca crescente pela preservação da qualidade dos alimentos, tanto os processados como aqueles consumidos in natura, tem levado as indústrias a pesquisar as melhores formas de conservá-los. Desta forma, tem-se avançado muito nos métodos de conservação em nível de pós-colheita e de alimentos processados. A conservação de sucos de frutas tem sido realizada tradicionalmente através do uso de calor e/ou da adição de conservadores químicos, o que pode alterar o aroma, o sabor e o perfil nutricional dos produtos, uma vez que estes atributos são conferidos por substâncias termo-sensíveis. Além disso, muitos países vêm restringindo a comercialização de produtos que contenham aditivos químicos na sua formulação. O progresso no entendimento técnico-científico dos métodos que envolvem tratamento térmico levou ao surgimento de tecnologias que minimizam os efeitos adversos do calor, e tem levado à intensificação dos estudos para a busca de tecnologias alternativas. Dentre esses métodos, incluem-se os tratamentos por alta pressão hidrostática, por membranas, por ultrasom, irradiação (gama e X), por campos magnéticos ou elétricos. A concentração de sucos reduz custos de armazenamento, transporte e minimiza a deterioração por microrganismos. Também é realizada pelo uso do calor, o que pode reduzir a qualidade dos produtos. Osmose inversa e evaporação osmótica são processos de separação com membranas que podem ser aplicados como alternativa à concentração térmica. A encapsulação por atomização é uma outra técnica que resulta em produtos mais estáveis na forma de pó. O Brasil possui uma grande diversidade de frutas, que apresentam características nutricionais e sensoriais distintas, e que, se corretamente processadas, podem contribuir para o desenvolvimento do agronegócio, com produtos de qualidade. Este projeto tem por objetivo avaliar o uso de processos não convencionais de conservação e concentração de sucos de frutas. Foram selecionados os processos de alta pressão, irradiação. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Amauri Rosenthal - Integrante / Lourdes Maria Correa Cabral - Coordenador / Sueli pereira Freitas - Integrante / Angela Aparecida de Lemos Furtado - Integrante / Virginia M da Matta - Integrante / Murillo Freire Jr - Integrante / Edy Sousa de Brito - Integrante / Luiz Antônio Rizzon - Integrante / Maria Auxiliadora C. de Lima - Integrante / Aparecida Claret - Integrante / Rafaella de Andrade Mattieto - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2008

    Aipim orgânico - viabilização da cultura na agricultura familiar do recôncavo baiano, Descrição: Produtos de alta qualidade são importante para agregar valor e garantir a comercialização. O uso de sistemas orgânicos de produção vegetal podem ser importante para garantir tais objetivos, além de aumentar a sustentabilidade agrícola. Os experimentos do projeto iniciaram em agosto de 2005, em três localidades do Recôncavo Baiano avaliando-se cultivares e adubos orgânicos. Os tratamentos para o experimento com adubção orgânica foram: testemunha (sem adubo), farinha de rocha, fosfato de rocha, urina de vaca, esterco de gado, composto, urina+farinha de rocha, urina+fosfato de rocha, esterco+farinha de rocha, esterco+fosfato de rocha. No outro experimento avaliou-se oito cultivares de aipim, oriundas da Embrapa e agricultores. Este foi adubado com esterco+fosfato de rocha. A colheita iniciou-se em junho de 2006. Logo após, novos experimentos foram realizados, considerando os melhores tratamentos e a inserção de outros, tais como a manipueira (subproduto do processo de fabricação da farinha de mandioca) e de cultivares recém lançados. Foram avaliados dados de crescimento das plantas e de produtividade, qualidade de pós-colheita e cozimento das raízes. Integrei-me à equipe do projeto a partir de 2007 e participei dos estudos de pós-colheita da mandioca in natura com casca submetida a tratamentos com parafina e com a mandioca minimamente processada submetida a diferentes tratamentos a fim de aumentar sua vida-de-prateleira. Foram realizadas análises microbiológicas e físico-químicas e verifcou-se que alguns tratamentos promoveram pelo menos 30 dias de vida útil do produto. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Wânia Maria Gonçalves Fukuda - Integrante / Eliseth de Souza Viana - Integrante / Carlos Estevão Leite Cardoso - Integrante / Aldo Vilar Trindade - Integrante / Marcio Eduardo Pereira Canto - Integrante / Carlos Alberto Ledo - Integrante / Ana Cristina Soares Fermino - Integrante / Jaeveson da Silva - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia - Auxílio financeiro / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa., Número de produções C, T & A: 1

  • 2004 - 2008

    Desenvolvimento de extrato hidrossolúvel de soja com polpas de frutas tropicais, Descrição: A soja tem tido significativo avanço na Região Nordeste, principalmente no Estado da Bahia, com um crescimento de 54%, em área, no período de seis anos. Dentre as fontes vegetais com potencial de uso na dieta humana, a soja é a que possui maior teor de proteínas de boa qualidade, constituindo alternativa viável para solucionar problemas de desnutrição. No Brasil estima-se que 5 milhões de crianças estejam desnutridas sendo que a desnutrição energético protéica é a principal. Apesar das potencialidades de aproveitamento e do teor protéico, o consumo de produtos elaborados com soja é baixo, no Brasil, por questões culturais, econômicas e problemas de natureza sensorial. O extrato hidrossolúvel de soja, "leite de soja", é uma bebida com notável valor nutricional e propriedades funcionais, podendo ser ingerido na forma líquida ou em pó. A elaboração do extrato hidrossolúvel de soja exige ajustes tecnológicos a fim de minimizar o sabor indesejável sendo que, uma das opções seria a adição de polpa de frutas tropicais ao extrato, contribuindo também para o enriquecimento vitamínico do extrato. Pretende-se desenvolver extrato hidrossolúvel de soja com polpas de frutas tropicais, ainda não disponíveis no mercado interno, de sabor agradável e com potencial nutricional. A obtenção de um novo produto significa oportunidade de investimento no segmento agrícola e agregação de valor às matérias primas.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Luciana Alves de Oliveira - Integrante / Rossana Catie Bueno de Godoy - Coordenador / Deborah dos Santos Garruti - Integrante / Rosires Deliza - Integrante / Henriette Monteiro Cordeiro de Azeredo - Integrante / Vera de Toledo Benassi - Integrante., Financiador(es): Banco do Nordeste do Brasil S/A - Auxílio financeiro.

Prêmios

2015

O trabalho Avaliação do teor de carotenoides totais, compostos cianogênicos e matéria seca em híbridos de mandioca apresentado por Vivian dos Santos Souza - 2o lugar na modalidade IC graduação pôster, Embrapa Mandioca e Fruticultura - 9a Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura.

2009

O trabalho Caracterização físico-química de variedades de tangerina apresentado por Fernanda Alves Santana - 1o lugar modalidade graduação na III Jornada Científica Embrapa Mandioca e Fruticultura, Embrapa Mandioca e Fruticultura.

2009

O trabalho Avaliação do teor de carotenóides totais em híbridos de mandioca apresentado por Rosilene Conceição Vieira Vaz - 1o lugar na modalidade nível médio III Jornada CNPMF, Embrapa Mandioca e Fruticultura.

2009

Diploma de reconhecimento (qualidade técnica) por integrar a equipe do projeto: Melhoramento da mandioca para biofortificação e para a indústria de farinha e fécula e para o consumo fresco, Embrapa.

Histórico profissional

Endereço profissional

  • Embrapa Mandioca e Fruticultura. , Rua Embrapa, S/N, Chapadinha, 44380000 - Cruz das Almas, BA - Brasil - Caixa-postal: 007, Telefone: (75) 33128039, Fax: (75) 33128097

Experiência profissional

1996 - 1996

Fluxo Consultoria Empresa Junior

Vínculo: Outro, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 20

Atividades

  • 07/1996 - 08/1996

    Estágios , Fluxo Consultoria Empresa Junior.,Estágio realizado, - Assistência técnica na área de produção de detergentes e desinfetantes e negociação com futuros clientes.

2006 - Atual

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária

Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Pesquisador A, Carga horária: 40

2011 - 2012

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária

Vínculo: Celetista formal, Enquadramento Funcional: Pesquisador A

Outras informações:
Responsável pelo Laboratório de Ciência e Tecnologia de Alimentos.

2009 - 2009

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária

Vínculo: Celetista formal, Enquadramento Funcional: Pesquisador A

Outras informações:
Membro do Comitê Técnico Interno (CTI) da Unidade

2006 - 2008

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária

Vínculo: Celetista formal, Enquadramento Funcional: Pesquisador A

Outras informações:
Responsável pelo Laboratório de Ciência e Tecnologia de Alimentos

2004 - 2005

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária

Vínculo: , Enquadramento Funcional: Pesquisador II, Carga horária: 40

Atividades

  • 10/2004

    Pesquisa e desenvolvimento, Centro Nacional de Pesquisa de Mandioca e Fruticultura Tropical.,Linhas de pesquisa

2003 - 2004

Universidade Tiradentes

Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor universitário, Carga horária: 40

Atividades

  • 08/2003 - 10/2004

    Ensino, Farmácia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Química Orgânica

  • 08/2003 - 10/2004

    Ensino, Engenharia Ambiental, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Introdução a Informática

1996 - 1998

Universidade Federal do Rio de Janeiro

Vínculo: Outro, Enquadramento Funcional: Iniciação Científica, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.

Outras informações:
Caracterização da bactéria Acinetobacter calcoaceticus como degradadora de compostos aromáticos, para ser utilizada em despoluição e produtora de ácido glicônico.

1994 - 1996

Universidade Federal do Rio de Janeiro

Vínculo: Outro, Enquadramento Funcional: Iniciação Científica, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.

Outras informações:
Caracterização de um corante natural que possua pKa no estado fundamental entre 7,0 e 7,5; através de espectros de absorção UV-Visível e estudo da formação do oxigênio singlete

Atividades

  • 08/1996 - 02/1998

    Estágios , Instituto de Química, Departamento de Bioquímica.,Estágio realizado, Caracterização da bactéria Acinetobacter calcoaceticus como degradadora de compostos aromáticos, para ser utilizada em despoluição e produtora de ácido glicônico.

  • 03/1994 - 03/1996

    Estágios , Instituto de Química, Departamento de Química Inorgânica.,Estágio realizado, Caracterização de um corante natural que possua pKa no estado fundamental entre 7,0 e 7,5; através de espectros de absorção UV-Visível e estudo da formação do oxigênio singlete.

1992 - 1992

Ecolab Química Ltda

Vínculo: Outro, Enquadramento Funcional: TÉCNICA EM QUÍMICA DE ALIMENTOS, Carga horária: 40

Outras informações:
- Assistência Técnica à Produção e ao Controle de Qualidade no que tange ao acompanhamento de fabricação de novos produtos e análise dos mesmos. - Desenvolvimento de testes de eficiência de produtos acabados, verificando sua estabilidade, bem como das matérias-primas empregadas. Além do acompanhamento de testes de campo de produtos e treinamento analítico junto a clientes. - Preparação de material de análises microbiológicas para seminários, treinamentos e verificação de efeito sanificante de produtos da divisão.

Atividades

  • 02/1992 - 08/1992

    Serviços técnicos especializados , Ecolab Química Ltda.,Serviço realizado, Assistência Técnica à Produção e ao Controle de Qualidade no que tange ao acompanhamento de fabricação de novos produtos e análise dos mesmos.Desenvolvimento de testes de eficiência de produtos acabados, verificando sua estabilidade, bem como das matérias.

1991 - 1991

Centro Nacional de Pesquisa de Tecnologia Agroindustrial de Alimentos

Vínculo: Outro, Enquadramento Funcional: ESTAGIÁRIA EM TÉCNICA EM ALIMENTOS, Carga horária: 40

Outras informações:
Auxiliar na pesquisa "Fermentação Natural em Panificação para obter maior vida de prateleira". Análise de : Coliformes totais em água pela Técnica da Membrana Filtrante MILLIPORE, Bacillus cereus, Clostridium perfringens, Staphylococcus aureus, Salmonella e Coliformes. Além da identificação morfológica de fungos e bactérias (microscopia) e provas bioquímicas.

Atividades

  • 02/1991 - 08/1991

    Estágios , Centro Nacional de Pesquisa de Tecnologia Agroindustrial de Alimentos.,Estágio realizado, Análise de : Coliformes totais em água pela Técnica da Membrana Filtrante MILLIPORE, Bacillus cereus, Clostridium perfringens, Staphylococcus aureus, Salmonella e Coliformes. Além da identificação morfológica de fungos e bactérias (microscopia) e provas b.