BRENDA FERREIRA ARANTES

Graduada em Odontologia pela Universidade de Uberaba (UNIUBE) no período de (2011-2015). Mestre na área de Clínica Odontológica Integrada pela Universidade de Uberaba, com bolsa CAPES no período de (2016-2018). Tem experiência na área de Odontologia Restauradora, atuando na área de Dentística com o seguinte tema: Laser em Odontologia. Atualmente exerce a profissão como clínico geral e docente do Centro Universitário do Cerrado Patrocínio (UNICERP)..

Informações coletadas do Lattes em 30/05/2022

Acadêmico

Formação acadêmica

Mestrado em Odontologia

2016 - 2018

Universidade de Uberaba
Título: Influência do laser Er,Cr:YSGG associado ou não a agentes dessensibilizantes na prevenção da erosão ácida em dentina radicular bovina,Ano de Obtenção: 2018
Cesar Penazzo Lepri.Coorientador: Cesar Penazzo Lepri. Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Grande área: Ciências da SaúdeSetores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.

Graduação em Odontologia

2011 - 2015

Universidade de Uberaba
Título: Influência do Laser Er, Cr:Ysgg, associado ou não ao verniz fluoretado, na prevenção da hipersensibilidade dentinária.
Orientador: Cesar Penazzo Lepri
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.

Ensino Médio (2º grau)

2006 - 2008

Colégio Berlaar Nossa Senhora do Patrocinio

Ensino Fundamental (1º grau)

1998 - 2005

Colégio Berlaar Nossa Senhora do Patrocinio

Formação complementar

2017 - 2017

CURSO DE FOTOGRAFIA DIGITAL EM ODONTOLOGIA. (Carga horária: 4h). , Universidade de Uberaba, UNIUBE, Brasil.

2017 - 2017

CURSO DE IMERSÃO EM LAMINADOS CERÂMICOS. (Carga horária: 48h). , Universidade de Uberaba, UNIUBE, Brasil.

2017 - 2017

CLAREAMENTO DENTAL. (Carga horária: 6h). , Universidade de Uberaba, UNIUBE, Brasil.

2017 - 2017

ODONTOLOGIA MODERNA - LASER DE ALTA POTÊNCIA NA PRÁTICA CIRÚRGICA. (Carga horária: 6h). , Universidade de Uberaba, UNIUBE, Brasil.

2016 - 2016

EXTENÇÃO EM RESTAURAÇÕES MINIMAMENTE INVASIVAS E RECONSTRUÇÕES CORONÁRIA. (Carga horária: 8h). , Universidade de Uberaba, UNIUBE, Brasil.

2015 - 2015

O PASSO A PASSO DA PRÓTESE SOBRE IMPLANTES. (Carga horária: 2h). , Universidade de Uberaba, UNIUBE, Brasil.

2015 - 2015

PREPAROS DENTAIS E PROVISÓRIOS. (Carga horária: 2h). , Universidade de Uberaba, UNIUBE, Brasil.

2015 - 2015

ENXERTO NA MAXILA POSTERIOR PARA A INSTALAÇÃO DE IMPLANTES OSSEOINTEGRADO. (Carga horária: 1h). , Universidade de Uberaba, UNIUBE, Brasil.

2015 - 2015

OSTEOMIELITE DOS MAXILARES - DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO. (Carga horária: 1h). , Universidade de Uberaba, UNIUBE, Brasil.

2015 - 2015

PROCEDIMENTOS ESTÉTICOS DA DENTÍSTICA RESTAURADORA. (Carga horária: 3h). , Universidade de Uberaba, UNIUBE, Brasil.

2015 - 2015

GERENCIANDO OS TECIDOS MOLES EM IMPLANTODONTIA. (Carga horária: 3h). , Universidade de Uberaba, UNIUBE, Brasil.

2015 - 2015

RECONSTRUÇÃO ESTÉTICA DO SORRISO UTILIZANDO RESINAS COMPOSTAS E CERÂMICAS. (Carga horária: 3h). , Universidade de Uberaba, UNIUBE, Brasil.

2014 - 2014

5- IDENTIFICAÇÃO FORENSE PELO EXAME DA ARCADA DENTÁRIA. (Carga horária: 2h). , Universidade de Uberaba, UNIUBE, Brasil.

2014 - 2014

7- ODONTOLOGIA DO SONO - USO DE APARELHOS INTRA ORAIS NO TRATAMENTO DOS DIS. (Carga horária: 2h). , Universidade de Uberaba, UNIUBE, Brasil.

2014 - 2014

ENDODONTIA ? ATUALIDADES. (Carga horária: 4h). , Universidade de Uberaba, UNIUBE, Brasil.

2014 - 2014

JORNADA ODONTOLÓGICA 2014. (Carga horária: 14h). , Universidade de Uberaba, UNIUBE, Brasil.

2014 - 2014

1- IMAGENOLOGIA EM ODONTOLOGIA. (Carga horária: 5h). , Universidade de Uberaba, UNIUBE, Brasil.

2014 - 2014

3- REIMPLANTE INTENCIONAL, COMO ÚLTIMO RECURSO NO TRATAMENTO DOS SUCESSOS E. (Carga horária: 2h). , Universidade de Uberaba, UNIUBE, Brasil.

2014 - 2014

10- CONTROLE QUÍMICO DO BIOFILME SUPRAGENGIVAL - MITOS E EVIDÊNCIAS. (Carga horária: 4h). , Universidade de Uberaba, UNIUBE, Brasil.

2014 - 2014

ATENDIMENTO ODONTOLÓGICO PARA GESTANTES. (Carga horária: 1h). , Universidade de Uberaba, UNIUBE, Brasil.

2014 - 2014

CENTRO DE ESPECIALIDADES ODONTOLÓGICAS NA SAÚDE PÚBLICA DO BRASIL. (Carga horária: 3h). , Universidade de Uberaba, UNIUBE, Brasil.

2014 - 2014

PRÓTESE DENTÁRIA. (Carga horária: 3h). , Universidade de Uberaba, UNIUBE, Brasil.

2014 - 2014

ENXERTOS ÓSSEOS. (Carga horária: 2h). , Universidade de Uberaba, UNIUBE, Brasil.

2014 - 2014

9- EMPREENDEDORISMO E MARKETING NA ODONTOLOGIA. (Carga horária: 4h). , Universidade de Uberaba, UNIUBE, Brasil.

2014 - 2014

MANEJO ODONTOLÓGICO DE PACIENTES COM DOENÇAS SISTÊMICAS. (Carga horária: 2h). , Universidade de Uberaba, UNIUBE, Brasil.

2014 - 2014

URGÊNCIAS E EMERGÊNCIAS ODONTOLÓGICAS. (Carga horária: 4h). , Universidade de Uberaba, UNIUBE, Brasil.

2013 - 2013

2- MANIPULAÇÃO DE TECIDOS MOLES EM IMPLANTODONTIA-. (Carga horária: 3h). , Universidade de Uberaba, UNIUBE, Brasil.

2013 - 2013

JORNADA ODONTOLÓGICA 2013. (Carga horária: 14h). , Universidade de Uberaba, UNIUBE, Brasil.

2013 - 2013

XX JOME- JORNADA MINEIRA DE ESTOMATOLOGIA 2013-. (Carga horária: 25h). , Universidade de Uberaba, UNIUBE, Brasil.

Idiomas

Bandeira representando o idioma Inglês

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Bandeira representando o idioma Espanhol

Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Bandeira representando o idioma Português

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Áreas de atuação

Grande área: Ciências da Saúde / Área: Odontologia.

Grande área: Ciências da Saúde / Área: Fisioterapia e Terapia Ocupacional / Subárea: fisioterapia.

Participação em eventos

JOUFU.Influência do laser Er,Cr:YSGG, associado ou não a agentes dessensibilizantes na prevenção da erosão ácida em dentina radicular bovina. 2018. (Simpósio).

Uniparti Unicerp.Higienização bucal na terceira idade. 2018. (Oficina).

XVI Seminário de Iniciação Científica da Universidade de Uberaba.Influência do Laser Er, Cr:Ysgg, associado ou não ao verniz fluoretado, na prevenção da hipersensibilidade dentinária.. 2015. (Seminário).

JOME- Jornada Mineira de Estomatologia. Jornada Mineira de Estomatologia. 2013. (Congresso).

XIV Seminário de Iniciação Científica da Universidade de Uberaba.Obtenção de matriz dentinária humana desmineralizada a partir de dentes humanos e preparo para aplicação em experimentos de cultura de células-tronco.. 2013. (Seminário).

Participação em bancas

Aluno: Ana Caroline Pereira Gonçalves

ARANTES, B. F.. Existe diferença da força e resistência dos músculos do assoalho pélvico entre mulheres corredoras e não corredoras?. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em fisioterapia) - Centro Universitário do Cerrado Patrocínio.

Aluno: Camila Cristiny Alexandre Assis

ARANTES, B. F.. Prevalência de sintomas osteomusculares em dentistas. 2018.

Aluno: Eliana Vitória Silva Barbosa

ARANTES, B. F.. Atividade e participação em crianças com deficiências: um estudo da funcionalidade e incapacidade de acordo com a CIF-CJ. 2018.

Aluno: Leticia Coutinho

ARANTES, B. F.. Avaliação da qualidade de vida e queixas osteomusculares dos funcionários da Apae de uma cidade do interior mineiro.. 2018.

Aluno: Marcelle Rúbia de Souza

ARANTES, B. F.. O processo do envelhecimento: "risco da fragilização da pessoa idosa". 2018.

Comissão julgadora das bancas

RENATA OLIVEIRA SAMUEL

SAMUEL, R. O.; OLIVEIRA, M. A. H. M.; BORGES, L. H.; MARTINS, V. R. G.. Influência do laser Er,Cr:YSGG associado ou não a agentes dessensibilizantes na prevenção da erosão ácida em dentina radicular bovina. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Odontologia) - Universidade de Uberaba.

Vinícius Rangel Geraldo-Martins

LEPRI, C. P.GERALDO-MARTINS, V R; Soares, C.J.. Influência do laser Er,Cr:YSGG, associado ou não a agentes dessensibilizantes, na prevenção da erosão ácida em dentina radicular bovina. 2018. Dissertação (Mestrado em Odontologia) - Universidade de Uberaba.

Vinícius Rangel Geraldo-Martins

OLIVEIRA, M. A. H. M.; Borges, L. H.;GERALDO-MARTINS, V R. Influência do laser Er,Cr:YSGG, associado ou não a agentes dessensibilizantes, na prevenção da erosão ácida em dentina radicular bovina. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Odontologia) - Universidade de Uberaba.

Vinícius Rangel Geraldo-Martins

LEPRI, C. P.GERALDO-MARTINS, V.R.. Influência do laser Er,Cr:YSGG, associado ou não ao verniz fluoretado, na prevenção da hipersensibilidade dentinária. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Odontologia) - Universidade de Uberaba.

Carlos José Soares

LEPRI, C. P.;SOARES, C. J.; MARTINS, V. R. G.;SIMAMOTO JÚNIOR, P. C.; OLIVEIRA, M. A. H. M.. Influência do laser Er,Cr: YSGG, associado ou não a agentes dessensibilizantes, na prevenção da erosão ácida em dentina radicular bovina. 2018. Dissertação (Mestrado em Odontologia) - Universidade de Uberaba.

Maria Angélica Hueb de Menezes Oliveira

MENEZES-OLIVEIRA,M. A. H.; BORGES, L. H.; GERALDO-MARTINS, VINICIUS RANGEL. Influência do laser Er,Cr:YSGG, associado ou não a agentes dessensibilizantes, na prevenção da erosão ácida em dentina radicular bovina.. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Odontologia) - Universidade de Uberaba.

César Penazzo Lepri

LEPRI, C. P.; SOARES, C. J.; Geraldo-Martins,V.R.. Influência do laser Er,Cr:YSGG, associado ou não a agentes dessensibilizantes, na prevenção da erosão ácida em dentina radicular bovina. 2018. Dissertação (Mestrado em Odontologia) - Universidade de Uberaba.

César Penazzo Lepri

LEPRI, C. P.; Geraldo-Martins,V.R.. Influência do laser Er,Cr:YSGG, associado ou não ao verniz fluoretado, na prevenção da hipersensibilidade dentinária. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Odontologia) - Universidade de Uberaba.

Luís Henrique Borges

MENEZES, M. A. H.; RANGEL, V.; SAMUEL, R. O.;BORGES, L. H.. INFLUÊNCIA DO LASER Er,Cr: YSGG, ASSOCIADO OU NÃO A AGENTES DESSENBILIZANTES NA PREVEÇÃO DA EROSA ACIDA EM DENTINA RADICULAR BOVINA. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Odontologia) - Universidade de Uberaba.

Foi orientado por

César Penazzo Lepri

Influência do laser Er,Cr:YSGG, associado ou não a agentes dessensibilizantes, na prevenção da erosão ácida em dentina radicular bovina; 2018; Dissertação (Mestrado em Odontologia) - Universidade de Uberaba, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Cesar Penazzo Lepri;

César Penazzo Lepri

Influência do laser Er,Cr:YSGG, associado ou não ao verniz fluoretado, na prevenção da hipersensibilidade dentinária; 2015; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Odontologia) - Universidade de Uberaba, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Cesar Penazzo Lepri;

César Penazzo Lepri

Avaliação da microdureza do esmalte dental irradiado submetido à ciclagem DES/RE; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Odontologia) - Universidade de Uberaba, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Cesar Penazzo Lepri;

Produções bibliográficas

  • ARANTES, B. F. ; Palma D ; LEPRI, C. P. ; Geraldo Martins . Avaliação da alteração de cor de resinas compostas imersas em diferentes bebidas após repolimento.. In: SbpqO, 2017, Campinas. In: 34ª Reunião Anual da SBPqO, 2017. v. 31. p. 363-363.

  • ARANTES, B. F. ; LEPRI, C. P. ; Geraldo Martins ; Palma D . Influence of Er,Cr:YSGG on Dentin Acid Resistance After Erosive Challenge.. In: ADR/AADR/CADR 95th General Session, 2017, San Francisco. ADR/AADR/CADR 95th General Session, 2017. v. 96.

  • ARANTES, B. F. ; Palma D ; LEPRI, C. P. ; Geraldo Martins . Influência do laser Er,Cr:YSGG associado ou não ao verniz fluoretado na resistência ácida de dentina após desafio erosivo. In: XVII Seminário de Iniciação Científica da Universidade de Uberaba, 2016, Uberaba. XVII Seminário de Iniciação Científica da Universidade de Uberaba, 2016. v. 1. p. 21-21.

  • ARANTES, B. F. ; LEPRI, C. P. ; Palma D ; Geraldo Martins . Influência do laser ER, CR: YSGG associado ou não a agentes dessensibilizantes na prevenção da erosão ácida em dentina.. In: XVIII Seminário de Iniciação Científica da Universidade de Uberaba, 2017, Uberaba. XVIII Seminário de Iniciação Científica da Universidade de Uberaba, 2017. v. 1. p. 82-82.

  • ARANTES, BRENDA FERREIRA ; DE OLIVEIRA MENDONÇA, LAURA ; PALMA-DIBB, REGINA GUENKA ; FARAONI, JULIANA JENDIROBA ; DE CASTRO, DENISE TORNAVOI ; GERALDO-MARTINS, VINÍCIUS RANGEL ; LEPRI, CESAR PENAZZO . Influence of Er,Cr:YSGG laser, associated or not to desensitizing agents, in the prevention of acid erosion in bovine root dentin. LASERS IN MEDICAL SCIENCE , 2018.

Projetos de pesquisa

  • 2018 - Atual

    INFLUÊNCIA DO LASER Er,Cr:YSGG, ASSOCIADO OU NÃO AO VERNIZ FLUORETADO 5%, NA RUGOSIDADE SUPERFICIAL E NO PERFIL DE DESGASTE DA DENTINA RADICULAR BOVINA SUBMETIDA A DESAFIOS EROSIVOS E/OU ABRASIVOS, Descrição: O objetivo desse estudo in vitro será avaliar a influência do laser Er,Cr:YSGG, associado ou não ao verniz fluoretado 5%, na rugosidade superficial e perfil de desgaste da dentina radicular bovina submetida a desgastes erosivos e/ou abrasivos por meio da microscopia confocal de varredura a laser. Serão confeccionados 120 espécimes de dentina radicular bovina (4mm x 4mm e 3mm), divididos de acordo com os tratamentos preventivos, sendo: sem nenhum tratamento (controle negativo); aplicação do verniz fluoretado a 5% (controle positivo); aplicação do laser Er,Cr:YSGG (0,1W; 5Hz; sem refrigeração à água); aplicação do verniz fluoretado 5% + laser Er,Cr:YSGG. Os espécimes tratados serão subdivididos aleatoriamente em 3 grupos (n=10), de acordo com o tipo de desafio que será realizado (erosão; abrasão; erosão seguida de abrasão). Metade do espécime será devidamente isolada (região controle) e a outra metade receberá um dos tratamentos propostos. A solução erosiva utilizada será um refrigerante à base de cola (pH=2,42 à 4ºC), com duração de 5 minutos cada ciclo erosivo. Este procedimento será realizado 2 vezes ao dia, com intervalos de 4 horas entre os desafios, por um período de 5 dias. O desgaste abrasivo será realizado nos espécimes dos grupos pré-estabelecidos, através de ensaios de escovação. Será realizado na face externa do espécime 1 hora após a realização do segundo desafio erosivo diário. Os espécimes serão escovados com escova elétrica (1600 oscilações/s) com a aplicação de uma força de 2 N juntamente com solução slurry, preparada com dentífrico na proporção de 1:2 em peso, durante 60s, e a cada 10s, a solução slurry será injetada no momento da escovação. Entre os ciclos, os espécimes serão mantidos em saliva artificial e em estufa a 37ºC. Após o primeiro tratamento seguido dos desafios erosivos e/ou abrasivos, os espécimes serão avaliados em microscopia confocal de varredura a laser, para análise da rugosidade superficial e do perfil de desgaste. Realizada essa primeira análise, os espécimes serão submetidos a um segundo tratamento e aos ciclos erosivos/abrasivos (5 dias) e novamente avaliados em microscopia confocal de varredura a laser. Os dados obtidos serão analisados quanto à distribuição (Levene) e normalidade (Kolmogorov-Smirnov). Satisfeitas estas condições, serão realizados testes estatísticos paramétricos, como por exemplo o teste de Análise de Variância (ANOVA) e, se aplicável, pós-testes. Em caso de comparações de frequências, porcentagens ou mediana, serão utilizados testes estatísticos não-paramétricos. Todos os testes estatísticos adotarão nível de significância de 5% (α = 0,05) e serão realizados no software SPSS 17.0. Espera-se que os tratamentos propostos sejam satisfatórios na prevenção da erosão e/ou abrasão da dentina e, consequentemente, aumentando sua resistência ácida... , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Mestrado acadêmico: (4) . , Integrantes: Brenda Ferreira Arantes - Integrante / Cesar Penazzo Lepri - Coordenador / Regina Guenka Palma Dibb - Integrante / Vinícius Rangel Geraldo-Martins - Integrante / Laura de Oliveira Mendonça - Integrante / Juliana Jendiroba Faraoni - Integrante / Gabriela R Paiva - Integrante / Ana Letícia Daher Rosa Moreira - Integrante / Denise Tornavoi de Castro - Integrante / Fernanda Rodrigues Borges Amaral - Integrante / Beatriz de Oliveira Silva - Integrante / Daniella Christina da Silva Morais - Integrante / Fabrícia Pacheco Ferreira - Integrante / Rayssa Prado Macedo - Integrante / Vanessa Ferreira Marra - Integrante.

  • 2016 - 2018

    Influência do laser Er,Cr:YSGG, associando ou não a agentes dessensibilizantes na prevenção da erosão ácida em dentina radicular bovina, Descrição: O objetivo desse estudo in vitro foi avaliar a influência do laser Er,Cr:YSGG, associado ou não a agentes dessensibilizantes, na prevenção da erosão ácida em dentina radicular bovina. Foram selecionados 80 fragmentos de dentina, com dimensões de: 4mm x 4mm e 3mm de espessura, divididos aleatoriamente em 8 grupos (n=10). G1: controle negativo; G2: aplicação do verniz fluoretado a 5% (controle positivo); G3: aplicação do laser Er,Cr:YSGG (0,1W; 5Hz; sem refrigeração à água); G4: aplicação do verniz fluoretado 5% + laser Er,Cr:YSGG; G5: aplicação do oxalato de potássio 3%; G6: aplicação do oxalato de potássio 3% + laser Er,Cr:YSGG; G7: aplicação de gel bifásico de silicato de cálcio/fosfato; G8: aplicação de gel bifásico de silicato de cálcio/fosfato + laser Er,Cr:YSGG. Metade do fragmento foi devidamente isolada (região controle) e a outra metade recebeu um dos tratamentos propostos. A bebida erosiva utilizada foi um refrigerante a base de cola (pH=2,42 à 4ºC), com duração de 5 minutos cada ciclo erosivo. Este procedimento foi realizado 2 vezes ao dia, com intervalos de 6 horas entre os desafios, por um período total de 14 dias. Avaliou-se a normalidade (Kolmogorov-Smirnov) e homogeneidade (Levene?s) dos dados. Após estas análises, os dados de rugosidade superficial foram submetidos ao teste estatístico de Análise de Variância (ANOVA) e pós-teste de Tukey, para a diferenciação da média dos grupos. Para o perfil de desgaste, utilizou-se o teste Kruskal-Wallis e o pós-teste de Dunn. Após, realizou-se o teste de correlação de Spearman. Todos os testes estatísticos assumiram o nível de significância de 5% (α=0,05). Observou-se que o G1 apresentou o maior valor de rugosidade superficial após o desafio erosivo (3,586μm2 ± 0,205μm2) e o G7 apresentou o menor valor de rugosidade superficial após o desafio erosivo (1,071 μm2 ±0,180 μm2). Quanto à perda de volume, o G4 apresentou o menor percentual (9,7% ± 0,9%) de volume perdido, enquanto o G1 apresentou o maior percentual (41,8% ± 2,5%), ambos com (p<0,05). Foi observada fraca correlação entre as variáveis de resposta (ρ=0,33). Conclui-se que todos os grupos apresentaram menores valores de rugosidade superficial e de perda de volume quando comparados ao grupo controle negativo. Para a rugosidade superficial, o gel bifásico de silicato de cálcio/fosfato apresentou o melhor resultado. Para a perda de volume, a associação verniz fluoretado 5% + laser Er,Cr:YSGG mostrou os melhores resultados em comparação com os demais grupos.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (2) Doutorado: (5) . , Integrantes: Brenda Ferreira Arantes - Coordenador / Cesar Penazzo Lepri - Integrante / Regina Guenka Palma Dibb - Integrante / Vinícius Rangel Geraldo-Martins - Integrante / Laura de Oliveira Mendonça - Integrante / Juliana Jendiroba Faraoni - Integrante.

  • 2014 - 2015

    Influência do Laser Er, Cr:Ysgg, associado ou não ao verniz fluoretado, na prevenção da hipersensibilidade dentinária., Descrição: O objetivo deste trabalho in vitro foi avaliar a influência do laser Er,Cr:YSGG ( laser de érbio, cromo dopado com ítrio, escândio, gálio, granada), associado ou não ao verniz fluoretado (fluoreto de sódio a 5%), no tratamento preventivo da hipersensibilidade dentinária (HD). Foram confeccionados 40 espécimes de dentina radicular (4,0mmx4,0mm e espessura de 3,0mm) a partir das superfícies vestibular ou lingual da raiz de incisivos bovinos (n=8). Metade da superfície vestibular dos espécimes foi devidamente isolada (região controle) e a outra metade recebeu um dos tratamentos propostos, de acordo com os grupos: G1=irradiação com laser Er,Cr:YSGG, G2=irradiação com laser Er,Cr:YSGG + aplicação de verniz fluoretado, G3=aplicação de verniz fluoretado + irradiação com o laser Er,Cr:YSGG, G4=aplicação de verniz fluoretado (controle positivo), G5=nenhum tratamento (controle negativo). Quando utilizado, o verniz fluoretado foi aplicado seguindo as instruções do fabricante. Os parâmetros do laser foram: Potência=0,25W; Tempo= 10segundos; Taxa de repetição=5Hz. Em seguida, os espécimes foram submetidos a desafio erosivo (imersão em Coca Cola), durante 5 minutos, 1 vez ao dia, por um período total de 5 dias consecutivos. Após, o perfil topográfico 3D foi analisado através de microscopia confocal a laser objetivando mensurar a porcentagem de volume perdido da área tratada + erodida em relação à região controle. Os dados foram submetidos ao teste estatístico não-paramétrico Kruskal-Wallis seguido do teste de Dunn, ambos com nível de significância de 5%. Os grupos de 1 a 4 apresentaram menor perda de volume em relação ao grupo controle negativo (G5), sendo que o grupo G3 (verniz fluoretado + laser Er,Cr:YSGG) apresentou os melhores resultados. Podemos concluir que a associação do verniz fluoretado + irradiação com o laser Er,Cr:YSGG mostrou-se eficiente na prevenção da HD.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Brenda Ferreira Arantes - Integrante / Cesar Penazzo Lepri - Coordenador / Marissa Oliveira Silva - Integrante.

  • 2013 - 2014

    Análise imunohistoquímica, radiológica e histoquantitativa de alvéolos de ratos imunossuprimidos preenchidos com matriz dentinária humana desmineralizada utilizada como substrato para cultura de células-tronco., Descrição: A odontologia e a medicina têm buscado cada vez mais alternativas dentro da área de Biomateriais para acelerar o processo de regeneração óssea. Componentes tais como proteínas, fibonectina, colágeno e fatores de crescimento têm um papel importante na formação óssea, pois possuem a capacidade de induzir a ativação de osteoblastos funcionais, neovascularização e influenciar a diferenciação de células-tronco mesenquimais em células osteogenitoras e osteoprogenitoras. Vários desses fatores detectados no tecido ósseo também foram isolados da dentina e podem atuar como determinantes da formação óssea. A dentina humana desmineralizada pode representar uma alternativa à matriz óssea, para a indução do reparo ósseo, devido a sua facilidade de processamento, biocompatibilidade e capacidade de estimular a angiogênese e a formação óssea. O objetivo geral desse estudo é analisar os efeitos da matriz dentinária humana desmineralizada utilizada como substrato para cultura de células tronco na regeneração de defeitos cirúrgicos, provocados pela exodontia realizada nos animais. A literatura vem trabalhando o uso de células-tronco com sucesso em outros tipos de terapia e o presente trabalho representa uma iniciativa importante na compreensão do efeito da matriz dentinária na diferenciação celular e na aceleração da regeneração óssea.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (3) . , Integrantes: Brenda Ferreira Arantes - Integrante / José Bento Alves - Coordenador / Elisângela Ribeiro da Silva - Integrante / Melisa Nunes Miziara - Integrante.

  • 2012 - 2013

    Obtenção de matriz dentinária humana desmineralizada a partir de dentes humanos e preparo para aplicação em experimentos de cultura de células-tronco., Descrição: A osteogenese é um processo contínuo, que começa durante o desenvolvimento fetal e persiste durante toda a vida por meio da remodelação óssea. Esse processo envolve citocinas e células mesenquimais, que se interagem proporcionando a formação constante do tecido. No entanto, a regeneração de grandes perdas ósseas podem apresentar resultados insatisfatórios. A regeneração óssea guiada (GBR) tem sido usada para favorecer a restauração do tecido ósseo e vários materiais têm sido desenvolvidos para esse fim. Neste estudo investigamos o uso potencial da matriz dentinária humana desmineralizada (MDHD), obtida a partir de dentes humanos extraídos, como um possível material condutor durante o reparo ósseo. O objetivo do plano de trabalho consistiu na obtenção de matriz dentinária humana desmineralizada a partir de dentes humanos e preparo para aplicação em experimentos de cultura de células-tronco.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (3) . , Integrantes: Brenda Ferreira Arantes - Integrante / José Bento Alves - Coordenador / Elisângela Ribeiro da Silva - Integrante / Melisa Nunes Miziara - Integrante.

Prêmios

2015

Influência do Laser Er, Cr:Ysgg, associado ou não ao verniz fluoretado, na prevenção da hipersensibilidade dentinária., Universidade de Uberaba.

Histórico profissional

Endereço profissional

  • Universidade de Uberaba. , Avenida João Alves do Nascimento - de 2000 a 2264 - lado par, Nossa Senhora de Fátima, 38744528 - Patrocínio, MG - Brasil, Telefone: (34) 3438319871

Experiência profissional

2012 - 2015

Universidade de Uberaba

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Aluno de Iniciação Científica

2018 - Atual

Centro Universitário do Cerrado Patrocínio

Vínculo: Professor Visitante, Enquadramento Funcional: Professora, Carga horária: 3