Ana Cláudia Souza Ribeiro

Possui ensino-medio-segundo-grau pelo Colégio Dehon(2013). Atualmente é da Universidade do Sul de Santa Catarina. Tem experiência na área de Direito.

Informações coletadas do Lattes em 25/06/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Graduação em andamento em Direito

2014 - Atual

Universidade do Sul de Santa Catarina

Ensino Médio (2º grau)

2011 - 2013

Colégio Dehon

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Bandeira representando o idioma Inglês

Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Direito.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Fábio Gesser Leal

TENFEN, M. N. R.;LEAL, F. G.; ROUSSENQ, J. M.. PARTICIPAÇÃO DO FILHO NO ACERVO HEREDITÁRIO DE GENITOR BIOLÓGICO DIANTE DE PRÉVIO REGISTRO DE PATERNIDADE CIVIL NA MODALIDADE SOCIOAFETIVA. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade do Sul de Santa Catarina.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

FABIO JOSE RAUEN

Análise de processos ostensivo-inferenciais em excertos de interpretação da Lei 11; 340, de 7 de agosto de 2006, da coletânea ?Lei Maria da Penha comentada em uma perspectiva jurídico-feminista? (CAMPOS, 2011) conforme a Teoria de Conciliação de Metas de Rauen (2014) e a Teoria da Relevância de Sperber e Wilson (1986, 1995); ; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Direito) - Universidade do Sul de Santa Catarina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Fabio Jose Rauen;

FABIO JOSE RAUEN

Estrutura lógica da norma jurídica: análise da Lei 11; 340 (Lei Maria da Penha), de 7 de agosto de 2006 com base na teoria de conciliação de metas; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Direito) - Universidade do Sul de Santa Catarina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Fabio Jose Rauen;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2014 - Atual

    Análise de processos ostensivo-inferenciais em excertos de interpretação da Lei 11.340, de 7 de agosto de 2006, da coletânea Lei Maria da Penha comentada em uma perspectiva jurídico-feminista (CAMPOS, 2011) conforme a Teoria de Conciliação de Metas de R, Descrição: O projeto analisa, conforme a Teoria de Conciliação de Metas de Rauen (2014) e a Teoria da Relevância de Sperber e Wilson (1986, 1995), os processos ostensivo-inferenciais em excertos de interpretação da Lei 11.340, de 7 de agosto de 2006, da coletânea Lei Maria da Penha comentada em uma perspectiva jurídico-feminista , de Campos (2011). De modo específico, visa a: 1. Descrever e explicar os processos ostensivo-inferenciais na interpretação da Lei 11.340, de 7 de agosto de 2006, em excertos da coletânea Lei Maria da Penha comentada em uma perspectiva jurídico-feminista , de Campos (2011); 2. Analisar o papel das explicaturas e das implicaturas na interpretação da Lei; 3. Analisar o papel da conciliação de metas na interpretação da Lei; e 4. Analisar a pertinência descritiva e explanatória da Teoria da Relevância (SPERBER; WILSON, 1986, 1995) e da Teoria de Conciliação de Metas (2014) para a análise da coletânea Lei Maria da Penha comentada em uma perspectiva jurídico-feminista , de Campos (2011). , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Ana Cláudia Souza Ribeiro - Coordenador / Fábio José Rauen - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

2014 - Atual

Universidade do Sul de Santa Catarina

Vínculo: , Enquadramento Funcional: