Méri Frotscher

Graduação em História pela Universidade Regional de Blumenau (1994). Mestrado em História do Brasil pela Universidade Federal de Santa Catarina (1998). Doutorado em História Cultural pela UFSC (2003) com estágio de pesquisas (Doutorado Sanduíche) junto à Universidade Católica de Eichstätt, Alemanha (nov. 2000-mar. 2002). Realizou estágio pós-doutoral na Universidade Livre de Berlim - Instituto Latinoamericano (set. 2010-jul. 2011). Professora Associada da Universidade Estadual do Oeste do Paraná, onde atua nos cursos de Graduação em História e de Pós-Graduação em História - Nível Mestrado e Doutorado. Temas de pesquisa e publicação: Estado Novo e Campanha de Nacionalização no Vale do Itajaí - SC; alemães no Brasil; nacional-socialismo; Segunda Guerra Mundial; migrações entre Europa e Brasil; memória, história oral, narrativa autobiográfica. Email: merikramer@hotmail.com ORCID: https://orcid.org/0000-0003-0172-4126

Informações coletadas do Lattes em 25/06/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em História

1998 - 2003

Universidade Federal de Santa Catarina
Título: Da celebração da etnicidade teuto-brasileira à afirmação da brasilidade: ações e discursos das elites locais na esfera pública de Blumenau (1929-1950)
Orientador: em Katholische Universität Eichstätt ( Prof. Dr. Hans-Joachim König)
com Profa Dra. Maria Bernardete Ramos. Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Palavras-chave: Blumenau; elites; esfera pública; nacionalização; identidade; etnicidade. Grande área: Ciências Humanas

Mestrado em História

1996 - 1998

Universidade Federal de Santa Catarina
Título: Etnicidade e "trabalho alemão": outros usos e outros produtos do labor humano,Ano de Obtenção: 1998
Maria Bernardete Ramos Flores.Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.

Graduação em História

1990 - 1994

Fundação Universidade Regional de Blumenau

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Pós-doutorado

2010 - 2011

Pós-Doutorado. , Lateinamerika Institut - Freie Universität Berlin, LAI, Alemanha. , Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. , Grande área: Ciências Humanas

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2015 - 2017

Inglês avançado. (Carga horária: 240h). , Study Center - Escola de Línguas, STUDY, Brasil.

2010 - 2011

Colóquio História da América Latina. (Carga horária: 48h). , Freie Universität Berlin, FUB, Alemanha.

2006 - 2007

Curso de Inglês. (Carga horária: 160h). , FISK, FISK, Brasil.

2003 - 2004

Curso de Francês. (Carga horária: 90h). , Wizard Idiomas, WIZARD, Brasil.

2001 - 2002

Curso Super Intensivo de Alemão Mittelstufe 2 e 3. (Carga horária: 264h). , Goethe Institut - Mannheim/Alemanha, GOETHE, Alemanha.

2001 - 2001

Colóquio Brasiliens Wege in die Moderne III. (Carga horária: 20h). , Lateinamerika Institut - Freie Universität Berlin, LAI, Alemanha.

2001 - 2001

Oberseminar für Doktoranden. (Carga horária: 20h). , Katholische Universitat Eichstatt, K.U.E., Alemanha.

2001 - 2001

Kultur und Entwicklung in Lateinamerika im 19. Jh.. (Carga horária: 20h). , Katholische Universitat Eichstatt, K.U.E., Alemanha.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Espanhol

Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Francês

Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.

Alemão

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História do Brasil/Especialidade: História Regional do Brasil.

    Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História do Brasil/Especialidade: História Urbana.

    Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História do Brasil/Especialidade: História Cultural.

    Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História do Brasil/Especialidade: História do Brasil República.

    Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História Moderna e Contemporânea/Especialidade: História Contemporânea.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

RODEGHERO, Carla Simone ; GRINBERG, Lucia ; PORFÍRIO, Pablo ; PARENTE, Temis ; FROTSCHER, MÉRI . XIII Encontro Nacional de História Oral. 2016. (Outro).

FROTSCHER, Méri ; DUARTE, G. R. ; LAVERDI, R. . V Encontro Regional Sul de História Oral - Desigualdades e Diferenças. 2009. (Outro).

DUARTE, G. R. ; FROTSCHER, Méri ; LAVERDI, R. . I Seminário de Pesquisa Práticas Culturais e Identidades. 2007. (Outro).

FROTSCHER, Méri . Simpósio Nacional de Ciencias Humanas. 2006. (Congresso).

FROTSCHER, Méri . III Jornada Científica da Unioeste. 2005. (Outro).

FROTSCHER, Méri . II Semana Acadêmica de História: o ofício do historiador na atualidade. 2004. (Outro).

FROTSCHER, Méri . II Mostra de Ensino, Pesquisa e Extensão. 2004. (Outro).

FROTSCHER, Méri . VII Simpósio Interdisciplinar em História: História e Região. 2003. (Outro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

X Encontro Regional Sul de História Oral.?Eu não sabia o que se passava?: memórias do retorno para a Alemanha. 2019. (Encontro).

Encontro Nacional de História Oral. Coordenação de ST. 2018. (Congresso).

Quarto Congresso da Associação Internacional Areia. Memórias do/sobre o ?Opa? entre Brasil e Alemanha: uma conexão intertextual entre álbum de fotografias, diário de guerra e fontes orais. 2018. (Congresso).

Colóquio de Pesquisa Saúde, Gênero e Identificações.Mesa Redonda intitulada Identificações com a fala 'A mobilização de identiddes de gênero em cartas enviadas da Alemanha para o Brasil 1946-1949. 2017. (Outra).

IX Encontro Regional Sul de História Oral ? Democracia, Direitos e Diversidade.Comunicação oral. 2017. (Encontro).

XI Encontro Regional Nordeste de História Oral ? Ficção e poder: oralidade, imagem e escrita.Ministrante da oficina XI Encontro Regional Nordeste de História Oral ? Ficção e poder: oralidade, imagem e escrita. 2017. (Outra).

XXIV Semana Acadêmica de História: a formação do historiador: a prática docente e a escrita da história.Mesa Redonda A formação do Historiador: a prática docente e a escrita da história. 2017. (Outra).

Encontro Anual de Coordenadores de Programas de Pós-graduação em História.Programa de Pós-Graduação em História da UNIOESTE. 2016. (Encontro).

XIII Encontro Nacional de História Oral.Memórias de netos de refugiados da II Guerra Mundial no Brasil. 2016. (Encontro).

19th ASN World Convention. Memory, resentment and the politicization of trauma: The narratives of refugees from World War II (Colony of Entre Rios, Guarapuava, Paraná, Brazil). 2014. (Congresso).

Encontro Regional de História do PR.Mesa de comunicações Cultura Etnias e IDentificações. 2014. (Encontro).

I Seminário Paranaense de PósGraduandos em História.Mesa de comunicações História e Imprensa. 2014. (Seminário).

Seminário Internacional de História do Tempo Presente."A miséria me obriga a escrever ao Senhor": cartas de alemães enviadas à Prefeitura Municipal de Blumenau logo após a II GUerra Mundial. 2014. (Seminário).

VI Congresso Internacional de Pesquisa (Auto)Biográfica. "Trajetórias de vida" escritas por cidadãos alemães retornados do Brasil para a Alemanha nacional-socialista. 2014. (Congresso).

XVII CONGRESO INTERNACIONAL DA AHILA. De cidadãos austríacos a cidadãos alemães: Narrativas autobiográficas de imigrantes do Império Austro-Húngaro no Brasil após o ?retorno? ao Grossdeutsches Reich. 2014. (Congresso).

I Congresso Internacional de história UNICENTRO - UEPG: História e Cultura, Identidades e Regiões. De "alemães no exterior" a brasileiros? A repatriação de cidadãos brasileiros da Alemanha ocupada (1946-1949). 2013. (Congresso).

17a International Oral History Conference. Trauma, resentimiento y recuerdo en fuentes orales de sobrevivientes de la Segunda Guerra Mundial. 2012. (Congresso).

54. ICA Internacional Congresso of Americanists "Buiding Dialogues in the Americas". De ?Auslanddeutsche? a brasileos? Múltiples migraciones entre Brasil y Alemania en la primera mitad del siglo XX y la negociación de identidades. 2012. (Congresso).

Encontro Nacional de História Oral "Memória, Democracia e Justica".Língua, memória e identidade. Considerações metodológicas sobre histórias de vida de migrantes bilíngues. 2012. (Encontro).

II Congresso da AREIA "América Latina - Europa: (auto)biografia migrante através da oralidade, escritura e represensentação ero. Interpretação de currículos de vida de alemães retornados à Aleemanha nazista a partir do Brasil. 2012.. 2012. (Congresso).

Simpósio Nacional em História. TRABALHO, CULTURA E PODER: ?Memórias, movimentos sociais e hidroelétricas?.Curso: Memória e narrativa autobiográfica: questões teóricas e análise de fontes da história contemporânea. 2012. (Simpósio).

XIII Encontro Estadual de História "A Escrita da História".Escrever sobre si sob o III Reich: interpretacao de currículos de vida de alemaes retornados à Alemanha nazista a partir do Brasil. 2012. (Encontro).

Simpósio Internacional de História do Tempo Presente.De ?alemães no exterior? a brasileiros? A remigração de ?alemães? do Brasil durante o III Reich e seu retorno após a II Guerra Mundial sob uma perspectiva transnacional. 2011. (Simpósio).

X Encontro Nacional de História Oral - Testemunhos: História e Política.Nacional-socialismo, memória e migração de alemães para o Brasil após a II Guerra Mundial. 2010. (Encontro).

II Mostra de Filmes Alemães e Ciclo de Debates Muro de Berlim.20 Anos da Queda do Muro de Berlim (Mesa Redonda). 2009. (Outra).

IV Congresso Internacional de História. Memórias de tempos difíceis: A repatriação de descendentes de alemães para o Brasil após a Segunda Guerra Mundial. 2009. (Congresso).

IX Encuentro nacional y III Congreso Internacional de Historia Oral de la República Argentina. Negociando nacionalidades: memórias de descendentes de alemães repatriados ao Brasil após a II Guerra Mundial. 2009. (Congresso).

Colóquio Internacional Migrações e outros deslocamentos na Argentina e no Oeste do Paraná: diálogos e aproximações.Do Oeste do Paraná rumo à Europa: memórias, experiências de fronteira e reconstrução de identidades. 2008. (Outra).

IX Simpósio em História e I Simpósio Nacional em História.Mesa Redonda História e Cultura: desafios e perspectivas teóricas e metodológicas. 2008. (Simpósio).

Sixth Biennial MESEA Conference: Migration Matters: Immigration, Homelands, and Border Crossings in Europe and the Americas. Images of the Other: Perceptions of Brazilian Temporary Emigrants about Switzerland and Austria. 2008. (Congresso).

I Encontro Nacional de Estudos da Imagem.Imagens da colonização: Migração, ocupação territorial e propaganda através do Wille Kalender. 2007. (Encontro).

I Seminário de Pesquisa Práticas Culturais e Identidades.Do OEste do Paraná rumo à Europa: emigração, memória e identidades. 2007. (Seminário).

IV Encontro Regional Sul de História Oral.Redefinindo identidades: memórias de emigrantes retornados. 2007. (Encontro).

VII Seminário Nacional de Literatura, História e Memória: narrativas de extração histórica.Propaganda nacional-socialista nas páginas do Blumenauer Volkskalender: Diálogos entre a História e a Literatura. 2007. (Simpósio).

VI Semana de História: História, Memória e Produção Intelectual.Mesa Redonda Memória e construção das identidades locais. 2007. (Encontro).

3er. Foro Latinoamericano Memoria e Identidad. Natureza, memória e identidades: narrativas de migrantes no Oeste do Paraná, Brazil, década de 50. 2006. (Congresso).

Diaspora Experiences: German-Speaking Immigrants and their Descendants. Von "tapferen deutschen Kolonisten" zu "guten Brasilianern". Die Nationalisierungskampagne und die Wiederschreibung der Geschichte. Der Fall Blumenau, Südbrasilien.. 2006. (Congresso).

Simpósio Nacional de Ciencias Humanas.Simpósio Nacional de Ciencias Humanas. 2006. (Simpósio).

III Encontro Regional Sul de História Oral - ABHO.III Encontro Regional Sul de História Oral - ABHO. 2005. (Seminário).

III Jornada Científica da UNIOESTE.III Jornada Científica da UNIOESTE. 2005. (Outra).

Muitas faces de uma guerra: 60 anos do término da Segunda Guerra Mundial e o processo de nacionalização no Sul do Brasil.Muitas faces de uma guerra: 60 anos do término da Segunda Guerra Mundial e o processo de nacionalização no Sul do Brasil. 2005. (Simpósio).

Projeto de Extensão "Educação patrimonial nas cidades históricas de Minas Gerais".Educação patrimonial nas cidades históricas de Minas Gerais. 2005. (Outra).

Simpósio Nacional de História - História: Guerra e Paz.Simpósio Nacional de História - História: Guerra e Paz. 2005. (Simpósio).

II Mostra de Ensino, Pesquisa e Extensao do CCHEL.II Mostra de Ensino, PEsquisa e Extensao do CCHEL. 2004. (Outra).

II Semana Acadêmica de História: "o ofício do historiador na atualidade".II Semana Acadêmica de História: o ofício do historiador na atualidade. 2004. (Outra).

VII Encontro Estadual de História ANPUH/RS - História, memória e testemunho.VII Encontro Estadual de História - ANPUH/RS História, memória e testemunho. 2004. (Encontro).

X Encontro Estadual de História: Trabalho, Cultura e Poder.X Encontro Estadual de História: Trabalho, Cultura e Poder. 2004. (Encontro).

1a. Mostra de Ensino, Pesquisa e Extensão do Centro de Ciências Humanas, Educação e Letras.I Mostra de Ensino Pesquisa e Extensao do CCHEL. 2003. (Outra).

IX Encontro Estadual de História:inclusões e exclusões.IX Encontro Estadual de História. 2003. (Encontro).

Viagem de Estudos às Missões Jesuíticas.Viagem de estudos às Missões Jesuíticas. 2003. (Outra).

VII Simpósio Interdisciplinar em História: História e Regiâo.Memória e imagens da exclusão social: a história do loteamento irregular CEVAL. 2003. (Oficina).

VII Simpósio Interdisciplinar em História: história e região.Ação educativa em museus. 2003. (Oficina).

VII Simpósio Interdisciplinar em História: história e região.História, música e América Latina. 2003. (Oficina).

VII Simpósio Interdisciplinar em História: História e Região.VII Simpósio Interdisciplinar em História: História e Região. 2003. (Simpósio).

VII Simpósio Interdisciplinar em História: História e Região.Educação patrimonial: patrimônio histórico, cidadania e ensino de história. 2003. (Oficina).

65 anos de repressão à língua alemã no sul do Brasil.Seminário Linguístico. 2002. (Seminário).

X Congresso Nacional da Federação dos Centros de Cultura Alemã no Brasil - FECAB. X Congresso Nacional da Federação dos Centros de Cultura Alemã no Brasil. 2000. (Congresso).

Literatura, livros e leituras nos séculos XVI e XVII.Curso: Literatura, livros e leituras nos séculos XVI e XVII. 1999. (Outra).

VII Semana de História.VII Semana de História da FURB. 1999. (Encontro).

XX Simpósio Nacional de História.XX Simpósio Nacional de História. 1999. (Simpósio).

XX Simpósio Nacional de História.Curso: Michel Foucault: historiador das margens, dos limites e das fronteiras. 1999. (Outra).

1a. Jornada Interna de Educação.1a. Jornada Interna de Educação. 1998. (Oficina).

XIX Simpósio Nacional de História.Curso: História Oral: fonte, técnica, método de pesquisa. 1997. (Outra).

XIX Simpósio Nacional de História "História e Cidadania".XIX Simpósio Nacional de História. 1997. (Simpósio).

3a. reunião especial da SBPC.3a. Reunião especial da SBPC. 1996. (Encontro).

1a. Jornada Pedagógica de História e Geografia.1a. Jornada Pedagógica de História e Geografia. 1995. (Oficina).

I Seminário Nacional sobre história da África.I Seminário Nacional sobre História da África. 1994. (Seminário).

As parcerias para o GAPEP na área de Ciências Sociais.As parcerias para o GAPEP na área de Ciências Sociais. 1993. (Oficina).

I Encontro Estadual de Estudantes de História.I Encontro Estadual de Estudantes de História. 1993. (Encontro).

II Semana de História.II Semana de História. 1993. (Encontro).

Oficina de Capacitação em Técnicas de Roteiro e gravação em vídeo.Oficina de Capacitação em Técnicas de Roteiro e Gravação em Vídeo. 1993. (Oficina).

5oo anos de América e I Semana de História.500 Anos de América e I Semana de História. 1992. (Encontro).

Mitologia e Psicanálise.Curso: Mitologia e Psicanálise. 1992. (Outra).

VI Erecs.VI Encontro Regional de Estudantes de Ciências Sociais. 1992. (Encontro).

XVII Reunião da Associação Brasileira de Antropologia - ABA.XVII Reunião da Associação Brasileira de Antropologia. 1990. (Encontro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

Aluno: Elizandra Siveris

FROTSCHER, MÉRI; STEIN, Marcos Nestor; BOSCHILIA, Roseli. CARTAS DE FAMÍLIA: UM ESTUDO SOBRE AS NARRATIVAS AUTOBIOGRÁFICAS DE EMIL E BERTHA ODEBRECHT. 2020. Dissertação (Mestrado em História, Poder e Práticas Sociais) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Anne Caroline Peixer Abreu Neves

FROTSCHER, Méri; ROSSATO, Luciana; SILVA, C. B.. MEMÓRIAS RESSENTIDAS: ESCOLA PÚBLICA DE ITOUPAVA NORTE SUBSTITUÍDA PELO GRUPO ESCOLAR PROFESSOR JOÃO WIDEMANN (BLUMENAU, 1930 ? 1950). 2019. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade do Estado de Santa Catarina.

Aluno: Elizandra Oestreich Siveris

BOSCHILIA, Roseli; STEIN, Marcos Nestor;FROTSCHER, MÉRI. Cartas de família: um estudo sobre a narrativa autobiográfica de Emil e Bertha Odebrecht. 2019. Dissertação (Mestrado em História, Poder e Práticas Sociais) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Diego Luiz dos Santos

WADI, Yonissa Marmit; FACCHINETTI, C.;FROTSCHER, MÉRI. "Eu era oficialmente uma artista louca": uma análise da autobiografia em quadrinhos de Ellen Forney. 2017. Dissertação (Mestrado em História, Poder e Práticas Sociais) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Raiane Clair Ramirez dos Santos

FROTSCHER, MÉRIOLINTO, Beatriz Anselmo; STEIN, Marcos Nestor. "Mosaico étnico": uma análise de discursos que constroemn classificações para a população do Paraná (1953-2015). 2017. Dissertação (Mestrado em História, Poder e Práticas Sociais) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Raiane Clair Ramirez dos Santos

FROTSCHER, MÉRIOLINTO, Beatriz Anselmo; STEIN, Marcos Nestor. "Mosaico étnico" uma análise de discursos que constroem uma identidade para o Paraná (1948-2015). 2016. Dissertação (Mestrado em História, Poder e Práticas Sociais) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Diego Luiz dos Santos

FROTSCHER, MÉRI; WADI, Y. M.; FACCHINETTI, C.. "Eu era oficialmente uma artista louca": uma análise da autobiografia em quadrinhos de Ellen Forney (EUA). 2016. Dissertação (Mestrado em História, Poder e Práticas Sociais) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Rosalice Carriel Benetti

FROTSCHER, Méri; MARCHI, E.; BOSCHILIA, Roseli. Vladimir Kozák: sentimentos e ressentimentos de um "lobo solitário". 2015. Dissertação (Mestrado em Programa de Pos graduação em História) - Universidade Federal do Paraná.

Aluno: Dayanne Schetz

FROTSCHER, Méri; KLUG, J.; Silva, Janine Gomes da; Nedel, Letícia. Um passado presente: a construção de identidades e memórias na cidade de Antonio Carlos (1980-2014). 2015. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Santa Catarina.

Aluno: Mayara da Fontoura das Chagas

DUARTE, G. R.; SCHREINER, D. F.; BORGES, Maria Celma;FROTSCHER, Méri. Narrativas de colonos e posseiros na luta pela terra: a (re)criação da memória da revolta de Três Barras - PR (1964-2014). 2015. Dissertação (Mestrado em História, Poder e Práticas Sociais) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Caroline Loise Dähne

FROTSCHER, Méri; STANCIK, Marco Antonio; BENATTE, A.; CHAVES, Niltonci Batista. Patriotismo em páginas: os discursos da imprensa ponta-grossense no contexto da II Guerra Mundial (1942-1944)s o i. 2015. Dissertação (Mestrado em História, cultura e identidades) - Universidade Estadual de Ponta Grossa.

Aluno: Caroline Stefany Depieri

FROTSCHER, MériLAVERDI, R.DUARTE, G. R.; GILL, Lorena. Queer as folk - Os Assumidos: da TV às redes sociais. 2013. Dissertação (Mestrado em História, Poder e Práticas Sociais) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Nicheli Rodrigues dos Santos

FROTSCHER, Méri; LAVERDI, R.; KARPINSKI, Cézar. "Meio ambiente, use mas não abuse": concepções e práticas em educação ambiental da/na Amigos da Natureza (2001-2012). 2013. Dissertação (Mestrado em História, Poder e Práticas Sociais) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Marilda Marques

FROTSCHER, Méri; STEIN, Marcos Nestor; LANGARO, Jiani F.. Identidade e diferença: Memórias sobre (e da) população do distrito de Bragantina, Assis Chateaubriand, PR (1960-2012). 2013. Dissertação (Mestrado em História, Poder e Práticas Sociais) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Gladis Hoerlle

FROTSCHER, Méri; STEIN, Marcos Nestor; ASSIS, Glaucia de Oliveira. Envelhecer na cidade: memórias de mulheres aposentadas oriundas do espaço rural (Marechal Cândido Rondon). 2013. Dissertação (Mestrado em História, Poder e Práticas Sociais) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Daniel Ivori de Matos

FROTSCHER, MériLAVERDI, R.DUARTE, G. R.; HAGEMAYER, R.. Serial Killers: cinema e representação. 2012. Dissertação (Mestrado em História, Poder e Práticas Sociais) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Mauro Cezar Vaz de Camargo Júnior

HAGEMAYER, R.; FALCÃO, Luiz Felipe;FROTSCHER, Méri. "Vai um boi, volta um bife": o movimento pela criação do Estado do Iguaçu nas últimas décadas do século XX. 2011. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade do Estado de Santa Catarina.

Aluno: Fabiana Marreto Secariolo

DUARTE, G. R.; SOUZA, S. C. M.;FROTSCHER, Méri. O espaço paranaense em relatos de viajantes: fronteira, território e ocupação 1870-1900. 2010. Dissertação (Mestrado em História, Poder e Práticas Sociais) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Gilson Backes

SCHREINER, D. F.;LAVERDI, R.FROTSCHER, Méri; MONTYSUMA, M.. As plantações de hortelã e as dinâmicas socioculturais da fronteira: memórias, trajetórias e estranhamentos em Mercedes (Oeste do Paraná, 1960-2009). 2009. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Raphael Pagliarini

FROTSCHER, MériLAVERDI, R.DUARTE, G. R.; Andrade, Dilma de Paula. O "colono" na cidade: memórias e viveres rural-urbanos em Marechal Cândido Rondon (Oeste do Paraná, 1970-2009). 2009. Dissertação (Mestrado em História, Poder e Práticas Sociais) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Maria Emília Meira Lima Siliprandi

FROTSCHER, Méri; SCHREINER, D. F.; PRIORI, Angelo. Modos de vida: organização social e práticas politicas dos agricultores do reassentamento São Francisco de Assis. 2009. Dissertação (Mestrado em História, Poder e Práticas Sociais) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Franciele Araújo

MACHADO, Maria Clara; WADI, Y. M.;LAVERDI, R.FROTSCHER, Méri. Loucura e cidade: a constituição da assistência psiquiátrica e sua relação com a cidade de Marechal Cândido Rondon (1979-2009) - Banca de qualificação. 2009. Dissertação (Mestrado em História, Poder e Práticas Sociais) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Carla Michele Ramos Torres

DUARTE, G. R.FROTSCHER, Méri; pelegrini, sandra. Em cena: o teatro no Centro Popular de Cultura da União Nacional dos Estudantes (CPC da UNE) 1961-1964. 2008. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Ellen Annuseck

FROTSCHER, Méri; DUARTE, A.; KLUG, J.. Nos bastidores da festa: outras histórias, memórias e sociabilidades em um bairro operário de Blumenau (1940-1950). 2005. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Santa Catarina.

Aluno: Thayse Fagundes e Braga

FROTSCHER, MÉRI; FLORES, Maria Bernardete R; SERPA, Élio; TEIXEIRA, Luiz E. F.. A trajetória do arquiteto alemão Simão Gramlich em campos cruzados no Sul do Brasil: arquitetônico, religioso e político.. 2020. Tese (Doutorado em História) - Universidade Federal de Santa Catarina.

Aluno: CAROLINE TECCHIO

FROTSCHER, MÉRI; STEIN, Marcos Nestor; MOREIRA, Roseméri; ESPIG, Márcia Janete. A Coluna da Morte: memórias, representações e a escrita de si do Tenente João Cabanas (1924-1928) e. 2019. Tese (Doutorado em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Marcelo Hansen Schlachta

FROTSCHER, Méri; BOSCHILIA, Roseli; KOLING, P.; RODEGHERO, Carla Simone; FIÚZA, Alexandre. A Comissão Estadual da Verdade e as memórias sobre a ditadura no Oeste e Sudoeste do Paraná. 2019. Tese (Doutorado em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Raphael Pagliarini

MENDONÇA, Joseli; BOSCHILIA, Roseli; GONÇALVES, Marcos;FROTSCHER, Méri; BUTI, Rafael P.. A construção de identidades nas comunidades negras de São Roque e Rio do Meio (Ivaí-PR 1988-2018). 2018. Tese (Doutorado em Programa de Pos graduação em História) - Universidade Federal do Paraná.

Aluno: Marina de Souza Santos

FROTSCHER, MÉRI; GOETTERT, Jones Dari; LEITE, Eudes Fernando; QUEIROZ, P. R. C.; SOUZA, João Carlos de. Dourados: planejamento, experiências e olhares sobre a cidade (1970-2003). 2016. Tese (Doutorado em História) - Universidade Federal da Grande Dourados.

Aluno: Jorge Pagliarini Júnior

BORGES, Maria Celma; LANGARO, Jiani F.; LEITE, Eudes Fernando; OLIVEIRA, V. W. N.;FROTSCHER, MÉRI. Memórias do processo de migração de retorno entre os Estados da Amazônia Legal e o Paraná: disputas identitárias e políticas ambientais (1990-2014). 2015. Tese (Doutorado em História) - Universidade Federal da Grande Dourados.

Aluno: Carla Nacke Conradi

FROTSCHER, MÉRI; BOSCHILIA, Roseli; COLLING, Ana; MARCHI, E.; GILLIES, Ana Maria R.. MEMÓRIAS DO SÓTÃO: vozes de mulheres na militância política contra a ditadura no Paraná (1964-1985).. 2015. Tese (Doutorado em História) - Universidade Federal do Paraná.

Aluno: Silvia Danielle Schneider

FROTSCHER, MÉRI; VICENTE, Andreia; MARCH, K.; WADI, Yonissa Marmit. "Quero bater, frio e decidido, à porta de bronze da morte!" Análise de cartas e bilhetes de suicidas em processos criminais - Ponta Grossa/PR. 2020. Exame de qualificação (Doutorando em História, Poder e Práticas Sociais) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Daniele Brocardo

FROTSCHER, Méri; STEIN, Marcos Nestor; SCHNEIDER, Claércio; Carvalho, Miguel M.. Percepções sobre as transformações na paisagem: as ações de madeireiras e da agricultura no município de Cascavel-PR. 2019. Exame de qualificação (Doutorando em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Jael dos Santos

FROTSCHER, MÉRI; ZULIAN, Rosângela; MEZZOMO, Frank; ANTIQUEIRA, Moisés. Christus Formetur: Dom Agostinho José Sartori, um bispo progressista no Sudoeste do Paraná. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Marcelo Hansen Schlachta

RODEGHERO, Carla Simone;DUARTE, G. R.; FIÚZA, Alexandre;FROTSCHER, MÉRI. Comissão da verdade e memória como reparação: uma análise das memórias de vítimas da ditadura civil-militar a partir dos depoimentos à Comissão da Verdade no Oeste do Paraná. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Thayse Fagundes e Braga

FROTSCHER, Méri; FLORES, Maria Bernardete R; SERPA, Élio. Disputas arquitetônicas em um campo em formação: a trajetória do alemão Simão Gramlich e suas obras no Sul do Brasil. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós-Graduação em História da UFSC) - Universidade Federal de Santa Catarina.

Aluno: Jorge Pagliarini Júnior

KARPINSKI, Cézar;FROTSCHER, Méri; BORGES, Maria Celma. Memórias do processo de migração de retorno entre os estados da Amazônia Legal e o Paraná: disputas identitárias e políticas ambientais (1990- 2014). 2014. Exame de qualificação (Doutorando em História) - Universidade Federal da Grande Dourados.

Aluno: Claudia Ferreira de Melo

FROTSCHER, MÉRIDUARTE, G. R.; PAZIANI, Rodrigo. Cidade, ensino de história e memórias públicas em Cascavel - PR. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em História, Poder e Práticas Sociais) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Thamara Parteka

FROTSCHER, Méri; WADI, Yonissa Marmit; STEIN, Marcos Nestor; FACCHINETTI, C.. Rodrigo de Souza Leão: Esquizofrenia e literatura na composição da vida como obra de arte (1985-2009). 2015. Exame de qualificação (Mestrando em História, Poder e Práticas Sociais) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Dayanne Schetz

FROTSCHER, Méri; KLUG, J.; Silva, Janine Gomes da. Um passado presente: a construção de identidades e de memórias em Antônio Carlos - SC - 1980-2013 (Banca de qualificação). 2014. Exame de qualificação (Mestrando em História) - Universidade Federal de Santa Catarina.

Aluno: Mayara da Fontoura das Chagas

SCHREINER, D. F.;DUARTE, G. R.FROTSCHER, Méri. Colonos e posseiros na luta pela terra: a revolta de Três Barras do Paraná, 1964. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em História, Poder e Práticas Sociais) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Daniele Brocardo

FROTSCHER, Méri; STEIN, Marcos Nestor; DEITOS, Nilceu. Memórias sobre a ação de madeireiras: o processo de extração da floresta na região de Cascavel (1950-1970). 2014. Exame de qualificação (Mestrando em História, Poder e Práticas Sociais) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Rosalice Carriel Benetti

MARCHI, E.; BOSCHILIA, Roseli;FROTSCHER, Méri. Vladirmir Kozák: correspondências de um "lobo solitário" (1938-1979). 2014. Exame de qualificação (Mestrando em História) - Universidade Federal do Paraná.

Aluno: Marilda Marques

FROTSCHER, Méri; SCHREINER, D. F.; STEIN, Marcos Nestor. Memórias sobre a colonização do Oeste do PR (1960-2012). 2013. Exame de qualificação (Mestrando em História, Poder e Práticas Sociais) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Andressa Skekut

KLAUCK, Samuel; DITTRICH, Ivo José;FROTSCHER, Méri. Gaúchos no OEste do PR: a territorialidade exercida pelos CTGs e a (re)construção da memória (banca de qualificação)\. 2013.

Aluno: Jael dos Santos

ZULIAN, Rosângela; SCHREINER, D. F.; DEITOS, Nilceu;FROTSCHER, Méri. Práticas e representações religiosas: o catolicismo no sudoeste do Paraná (1930-2013). 2013. Exame de qualificação (Mestrando em História, Poder e Práticas Sociais) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Caroline Stefany Depieri

WADI, Yonissa Marmit;DUARTE, G. R.; LAVERDI, R.;FROTSCHER, Méri. Os personagens homossexuais na TV e na internet: um estudo do seriado Queer as folk: os Assumidos (Banca de qualificação). 2012.

Aluno: Nicheli Rodrigues dos Santos

LAVERDI, R.;FROTSCHER, Méri; ARRUDA, G.. "Meio ambiente, use mas não abuse": concepções e práticas de educação ambiental da/na revista Amigos da Natureza (Banca de qualificação). 2012. Exame de qualificação (Mestrando em História, Poder e Práticas Sociais) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Gladis Hoerlle

STEIN, Marcos Nestor;FROTSCHER, Méri; ASSIS, Glaucia de Oliveira. Envelhecer na cidade: memórias de mulheres aposentadas oriundas do espaço rural (Marechal Cândido Rondon). 2012. Exame de qualificação (Mestrando em História, Poder e Práticas Sociais) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Cláudia Cristina Hoffmann Lobato

FROTSCHER, MériDUARTE, G. R.; WADI, I.. Costumes paranaenses: uma análise da crítica feita pelos viajantes aos costumes do povo paranaense do século XIX. 2004. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especializacao em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Nelci Hasper

FROTSCHER, MériDUARTE, G. R.LAVERDI, R.. Vivência de idosos: Marechal Cândido Rondon (1970-2005)1/29cnia. 2004. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especializacao em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Selma Martins Duarte

FROTSCHER, MériDUARTE, G. R.; SILVA, C. L. S.. A revista Isto É e sua atuação política na sociedade brasileira de 1976 a 1984. 2004. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especializacao em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Daniel Freire

FROTSCHER, MÉRI; Monteiro, Cláudia; KOLLN, L.. A artificialidade da vida na sociedade moderna e uma ressignificação da vida a partir de Walden, de Thoreau. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Elizandra Oestreich Siveris

FROTSCHER, Méri; F Ferreira Júnior, Francisco; STEIN, Marcos Nestor. Escritas de si na revista Blumenau em Cadernos (1974-2014). 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Nadir Mohr

FROTSCHER, Méri; STANCZYK, M.; Sterling, German O.. A escrita de si da imigrante Klara Hermann: sentidos pedagógicos de uma narrativa de superação. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Marcos Cristian Schaufelberger

FROTSCHER, Méri; Sterling, German O.; GONZALEZ, E.. Travessias na fronteira: uma história dos deslocamentos transfronteiriços sob o olhar dos barqueiros (Puerto Adella - PY; Porto Mendes/MCR - BR). 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Raiane Clair Ramirez dos Santos

FROTSCHER, Méri; STEIN, Marcos Nestor. Revista Etnias no Paraná: uma análise sobre as identificações da população paranaense. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Tiago Arcanjo Orben

LAVERDI, R.; KOLING, P.;FROTSCHER, Méri. A revolta dos colonos/posseiros nas comemoracoes do seu cinquentenário (Francisco Beltrao-PR, 2007). 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Diego Adriano do Prado

FROTSCHER, MériDUARTE, G. R.LAVERDI, R.. Guaíra e emergência da memória nostálgica: memórias e tensões vividas (1960-2008). 2008. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Luciana Pilger Vidal

DUARTE, G. R.FROTSCHER, Méri; FIUZA, A.. Canto orfeônico: muito além de uma simples proposta de musicalização. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Clarice Lang

ANDRADE, Débora El-Jaick;FROTSCHER, Méri; EHRHARDT, Marcos. "O Guarani" e a fundação do Brasil: diálogos entre a história e a literatura. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Joseani Siovani Gruber

FROTSCHER, Méri; GONZALEZ, E.. História, memória e humor: memórias sobre Mazzaropi em Marechal Cândido Rondon. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Danusa de Lourdes Guimarães da Silva

FROTSCHER, MériLAVERDI, R.; SCHREINER, D. F.. "Eu não queria ser paraguaio, eu queria ser imigrante": trajetórias de brasileiros em Puerto Adela - Paraguai 1970-2007. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Roseni Trindade

FROTSCHER, MériLAVERDI, R.; FABRINI, J. E.. Memória e migração: dinâmicas sociais e lutas de brasileiros em Puerto Adela - Paraguai (1970-2007). 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Giovani Marcos Bernini

DUARTE, G. R.FROTSCHER, MériLAVERDI, R.. Movimento cultural de garagem: produção artística como oposição e alternativa à homogeneização sócio-cultural. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Angela do Prado

DUARTE, G. R.FROTSCHER, Méri; SCHREINER, D. F.. O movimento Adeus Sete Quedas e o acampamento ecológico Quarup (1982). 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Catia Franciele Sanfelice

DUARTE, G. R.LAVERDI, R.FROTSCHER, Méri. A festa de NOssa Senhora dos Navegantes e a cultura da pesca em Guaíra. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Marlene Rodrigues da Silva

LAVERDI, R.FROTSCHER, Méri; SOUZA, M. A. D.. O Conjunto Habitacional Recanto Feliz e a constituição de sujeitos nas disputas pela cidade (Nova Santa Rosa, Oeste do Paraná, 1987-2006). 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Cintia Alexandra Zanatta

DUARTE, G. R.FROTSCHER, Méri; CALIL, G. G.. A Moenda da Canção: nas tramas do regionalismo gaúcho (1987-2006). 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Gilson Backes

FROTSCHER, MériDUARTE, G. R.LAVERDI, R.. Escolas rurais: um modelo em extincao numa sociedade em mudanca. Mercedes - PR 1952-1997. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Camila Flávia Fernando Roberto

FROTSCHER, MériDUARTE, G. R.; FIUZA, A.. Acordes dissonantes: uma análise sobre o movimento tropicalista e a reestruturacao do consumo musical na década de 1960. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Márcia Alessandra Chinvelski Becker

FROTSCHER, MériLAVERDI, R.DUARTE, G. R.. Santa Helena e o turismo vivido. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Ronaine Lineana Hegele

FROTSCHER, Méri; SILVA, C. L. S.; SOUZA, M. A. D.. Legitimação de um estado e poder na revista Deutschland. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Dezimar Ribeiro de Souza

FROTSCHER, Méri; BOSI, A. P.; DUARTE, S. M.. Estratégias políticas utilizadas pelo PRP para consolidar-se no poder. 2004 - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Leandro Spier

FROTSCHER, Méri; BENATTE, A.; CAMPIGOTO, A.. Uma história do xadrez como meio pedagógico e moral usado para ensinar a transcendência, a essência das coisas e outras verdades eternas. 2004 - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Marilu Antunes

FROTSCHER, Méri; PETRY, S. M. V.; CARESIA, R.. O olhar do migrante sobre Blumenau (e as formas como Blumenau viu o migrante ao longo de sua história). 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Fundação Universidade Regional de Blumenau.

Aluno: Carla A

FROTSCHER, Méri; GREGORY, V.; HAHN, F. A.. Vorpagel.Família Rieger: a visao do migrante. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Denise Cassel Czesalkski

FROTSCHER, Méri; HAHN, F. A.. O vampiro: entre o religioso e o científico em Drácula, de Bram Stoker. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Juliana Albertina Klein

FROTSCHER, Méri; WADI, I.;LAVERDI, R.. Para todo delito uma nova nova pena: a constituição da cadeia pública de Cascavel. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Amanda K

FROTSCHER, MériDUARTE, G. R.; SOUZA, M. A. D.. Soder.Dançando no escuro, de Lars von Trier: a penúltima canção sobre o cinema?. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Indianara Lovane Petersen

FROTSCHER, MériDUARTE, G. R.LAVERDI, R.. Memórias de migrantes: olhares sobre os bens de família (1950-2004). 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Fabiane Tamara Rossi

FROTSCHER, MériDUARTE, G. R.; SOUZA, M. A. D.. Saravá, mundo cao. Um estudo da obra de Zeca Baleiro, cantor e compositor popular. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Jefferson Luciano Menezes

FROTSCHER, Méri; ECKARDT, M.;DUARTE, G. R.. Cinema de guerra e cinema na guerra: o conflito do VIetnã sob a ótica dos filmes americanos. 2004 - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Araceli Basso

FROTSCHER, Méri; GREGORY, V.;VANDERLINDE, T.. Comunidade evangélica Martin Luther... memória e história. 2003 - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

DAMKE, C.; Lamb, Any;FROTSCHER, MÉRI. Participação em banca Avaliadora 2. Processo Seletivo Docente Língua Alemã. 2020. Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Concurso Público para Professor do Quadro - História Moderna e Contemporânea

FERREIRA, Cristina; PETRY, S. M. V.;FROTSCHER, Méri. 2012. Fundação Universidade Regional de Blumenau.

FROTSCHER, Méri; JUNQUEIRA, M. A.; MORAES, L. E.. Participação em banca do 31. Concurso Público de Provas e Títulos para Professor - História Moderna e Contemporânea concurso de co. 2012. Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

FROTSCHER, Méri; CALIL, G. G.; SOARES, Sheille. 4. Processo Seletivo para Contratação de Professor Temporário. 2012.

FROTSCHER, Méri; KOLING, P.; SILVA, C. L. S.. Membro de banca examinadora do 1. Teste Seletivo 2009 - Contratação de Professor - Área História do Brasil. 2009. Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

FROTSCHER, MériDUARTE, G. R.; OLINTO, Beatriz. Participação em banca do 30. Concurso Público de Provas e Títulos - Professor Efetivo - HIstória: Cultura e Sociedade. 2009. Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

FROTSCHER, Méri; EHRHARDT, Marcos; STEIN, Marcos Nestor. 1o. Processo Seletivo Simplificado - HIstória Geral. 2012. Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

FROTSCHER, MériLAVERDI, R.; CALIL, G. G.. Membro de Banca Examinadora do 1o. Teste Seletivo/2006 para Docentes da UNIOESTE. 2006. Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

FROTSCHER, Méri; DEITOS, Nilceu; KOLING, P.. 2o. Teste Seletivo/2004 para Contratação de Professor Temporário. 2004. Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Cynthia Machado Campos

CAMPOS, Cynthia Machado; RAMOS, Maria Bernardete; MARTINS, Estevão; HENKE, Arlene; FALCÃO, Luiz Felipe; WOLFF, Cristina Scheibe. "Da celebração da etnicidade teuto-brasileira à afirmação da brasilidade: ações e discursos das elites na esfera pública de Blumenau (1929-1950)". 2003. Tese (Doutorado em História) - Universidade Federal de Santa Catarina.

Cynthia Machado Campos

CAMPOS, Cynthia Machado; BREPHOL, Marionilde Dias; RAMOS, Maria Bernardete. O Vale do Itajaí como fronteira da nação: nacionalização e controle do espaço político-administrativo. 2000. Exame de qualificação (Doutorando em História) - Universidade Federal de Santa Catarina.

Luiz Felipe Falcão

FLORES, M. B. R.;FALCÃO, Luiz Felipe; MARTINS, Estevão; CAMPOS, C. M.; RENKE, Arlene. Da celebração da etnicidade teuto-brasileira à afirmação da brasilidade - ações e discursos das elites na esfera pública de Blumenau 1929-1950. 2003. Tese (Doutorado em História) - Universidade Federal de Santa Catarina.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Orientou

Kathiane Thais Facenda

Trauma, memória e representação em Metamaus - a look inside a modern classic, Maus; Início: 2020; Dissertação (Mestrado em História, Poder e Práticas Sociais) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; (Coorientador);

Isabel S

Wendling; As práticas de escrita de adolescentes no Oeste catarinense: gênero e subjetividades nas cartas dos irmãos Bertaso (1914-1930); Início: 2018; Dissertação (Mestrado em História, Poder e Práticas Sociais) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; (Orientador);

Sonia Vanessa Langaro

História das mulheres nos faxinais do Paraná: experiências de lutas e conquista de novos espaços (1960-2019); Início: 2019; Tese (Doutorado em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná; (Orientador);

Tiago Vicente Penteado Bomfim

CLASSIFICAR, FORJAR, INSTITUIR: A CONSTRUÇÃO DO BRASIL NA OBRA DO MÉDICO MILITAR MURILLO DE CAMPOS; Início: 2017; Tese (Doutorado em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná; (Orientador);

CAROLINE TECCHIO

Escrita de si nas revoltas tenentistas: as memórias do comandante João Cabanas; Início: 2016; Tese (Doutorado em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná; (Orientador);

Vinicius Fauston Koch

Um estudo sobre narrativa na escrita epistolar de Ottokar Dörffel no contexto da imigração para o Sul do Brasil; Início: 2020; Iniciação científica (Graduando em Letras - Alemão) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná; (Orientador);

Elizandra Oestreich Siveris

CARTAS DE FAMÍLIA: UM ESTUDO SOBRE AS NARRATIVAS AUTOBIOGRÁFICAS DE EMIL E BERTHA ODEBRECHT; 2020; Dissertação (Mestrado em História, Poder e Práticas Sociais) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Méri Frotscher;

Talita Santana

?SOU MULHER E QUERO PARTICIPAR!?: Narrativas de mulheres do Conselho Municipal da Condição Feminina e do Conselho Municipal dos Diretos da Mulher; Toledo-PR (1985-2014); 2016; Dissertação (Mestrado em História, Poder e Práticas Sociais) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Méri Frotscher;

Daniele Maçaneiro Beiersdorf

Museu do Holocausto de Curitiba: globalização da memória do Holocausto e ensino de História; 2015; Dissertação (Mestrado em História, Poder e Práticas Sociais) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Fundação Araucária; Orientador: Méri Frotscher;

Jael dos Santos

Práticas e representações religiosas: o catolicismo dno sudoeste do Paraná (1930-2013); 2014; Dissertação (Mestrado em História, Poder e Práticas Sociais) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Méri Frotscher;

Gladis Hoerlle

Envelhecer na cidade: experiências e memórias de mulheres aposentadas oriundas do espaço rural (Marechal Cândido Rondon - PR); 2013; Dissertação (Mestrado em História, Poder e Práticas Sociais) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná,; Orientador: Méri Frotscher;

Francisco Chagas Oliveira Atanásio

Os Revoltosos e as quimeras do imaginário: um estudo sobre as memórias e as apropriações sociais esculpidas em torno da Coluna Prestes nas cidades de Timon-MA e Teresina-PI; 2011; Dissertação (Mestrado em História, Poder e Práticas Sociais) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Méri Frotscher;

José Vinicius Gouveia Torrentes

Humor e estigma: representações de judeus na Revista Careta (1936-1945); 2011; Dissertação (Mestrado em História, Poder e Práticas Sociais) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná,; Orientador: Méri Frotscher;

Reginaldo Aparecido dos Santos

Narrativas urbanas: cidade, fotografia e memória (Toledo, PR - 1950-1980); 2010; Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná,; Orientador: Méri Frotscher;

Jorge Pagliarini Júnior

Memórias de lutas, lutas pela memória: reassentamento São Francisco de Assis; 2009; Dissertação (Mestrado em História, Poder e Práticas Sociais) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Méri Frotscher;

Bruna Scheifer

Paranaguá, cidade portuária: entre a cidade sonhada e a cidade real; 2008; Dissertação (Mestrado em História, Poder e Práticas Sociais) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná,; Orientador: Méri Frotscher;

Jael dos Santos

De José Benito a Dom Agostinho: um religioso entre conflitos, negociações e tensões sociais no Paraná; 2019; Tese (Doutorado em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Méri Frotscher;

Marcelo Hansen Schlachta

A Comissão Estadual da Verdade e as memórias sobre a ditadura no Oeste e Sudoeste do Paraná; 2019; Tese (Doutorado em História, Poder e Práticas Sociais) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná,; Orientador: Méri Frotscher;

Valdeli de Fátima Rodrigues

UMA CIDADE, UMA HIDRELÉTRICA, MUITAS MEMÓRIAS: DESPERTANDO O INTERESSE PELA HISTÓRIA (Orientação de PDE); 2012; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Especializacao em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná; Orientador: Méri Frotscher;

Sandra Liberalli

DATAS COMEMORATIVAS E PRODUÇÃO DE CONHECIMENTO HISTÓRICO EM SALA DE AULA; 2012; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Especializacao em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná; Orientador: Méri Frotscher;

Senoir Campigotto

Ensino de história e a escravidão negra no Paraná; 2010; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Especializacao em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná; Orientador: Méri Frotscher;

Salete Campigotto

A capoeira e o ensino de História Afrobrasileira; 2010; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Especializacao em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná; Orientador: Méri Frotscher;

Rosa Maria Piva

Narrativas visuais da diferença: possibilidades no ensino de história afrobrasileira através de fontes visuais (PDE); 2009; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Especializacao em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná; Orientador: Méri Frotscher;

ILIANE INES FRANCESCHINI CARDOSO

O ensino da história afrobrasileira através de fontes literárias (PDE); 2009; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Especializacao em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná; Orientador: Méri Frotscher;

Reginaldo Aparecido dos Santos

Possibilidades no trabalho com fotografias e memórias: novos olhares sobre Toledo - PR (1960-80) - PDE; 2008; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Especializacao em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná; Orientador: Méri Frotscher;

Antonio Juscelino Batista

OUTRAS MEMÓRIAS NA CIDADE DE SALGADO FILHO: cidade, fotografia e história oral (PDE); 2008; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Especializacao em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná; Orientador: Méri Frotscher;

Antonia Villaca Telles

Patrimonio material e imaterial: uma análise sobre a relacao que permeia sujeito e objeto; 2005; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Especializacao em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná; Orientador: Méri Frotscher;

Nadir Mohr

A escrita de si da imigrante Klara Hermann: sentidos pedagógicos de uma narrativa de superação; 2016; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná; Orientador: Méri Frotscher;

Elizandra Oestreich Siveris

Escritas de si na revista Blumenau em Cadernos (1974-2014); 2016; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná; Orientador: Méri Frotscher;

Kellin Caroline Schöne

?AINDA UMA EXPLICAÇÃO SOBRE A JUVENTUDE HITLERISTA?: UMA ANÁLISE DA NARRATIVA AUTOBIOGRÁFICA DE ADOLF WILHELM HENSEs mundos?; 2015; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná; Orientador: Méri Frotscher;

Elionay Rodrigues Marques

Memória, gênero e narrativa autobiográfica no livro "Uma mulher do século passado"; 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná; Orientador: Méri Frotscher;

Diogo Mattiello

Memória, ressentimento e revisionismo: análise do livro "; ; ; e a guerra continua"; 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná; Orientador: Méri Frotscher;

Mariah Fank

O artista plástico Julius Schmischke entre o Brasil e a Alemanha: arte, política e escrita epistolar (1890-1945); 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná; Orientador: Méri Frotscher;

Diego Luiz dos Santos

MEMÓRIA COMUNICATIVA E GERAÇÃO: ANÁLISE DAS MEMÓRIAS FAMILIARES NA COLÔNIA ENTRE RIOS (GUARAPUAVA ? PR); 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná; Orientador: Méri Frotscher;

Danielle Beiersdorf

Memória e testemunho: relatos de sobreviventes do Holocausto; 2010; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná; Orientador: Méri Frotscher;

Josmar Vitor Freitas

Uma cidade em festa(s): a Festa do Dia do Vizinho, urbanização e construção de territorialidades; 2009; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná; Orientador: Méri Frotscher;

Mauro Cezar Vaz de Camargo Júnior

Caminhos ou Descaminhos? o processo de turistificação no Oeste do Paraná; 2008; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná; Orientador: Méri Frotscher;

Simone Maiberg

Patrimônio e memórias: Igreja Evangélica São Lucas (1968-2007); 2007; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná; Orientador: Méri Frotscher;

Maria Adelaide Nedel Swaroswky

O desclausuramento da loucura; 2005; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná; Orientador: Méri Frotscher;

Márcia Bortoli Uliano

"A tradicao continua viva no coracao de cada gaucho: Centro de Tradicoes Gauchas Sepé Tiaraju - Pato Bragado 2000-2004; 2004; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná; Orientador: Méri Frotscher;

Tania Kelly de Abreu

O estigma na noite: uma análise sócio-histórica da casa noturna Kalayame; 2004; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná; Orientador: Méri Frotscher;

Andrey Tironi da Silva

Os Imigrantes e A Campanha de Nacionalização (1937-1945) na Historiografia Brasileira; ; 2018; Iniciação Científica; (Graduando em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Méri Frotscher;

Elizandra Oestreich Siveris

Narrativas autobiográficas na revista Blumenau em Cadernos (1974-1997); 2016; Iniciação Científica; (Graduando em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Fundação Araucária; Orientador: Méri Frotscher;

Andrey Tironi da Silva

Narrar a vida, escrever história: a narrativa autobiográfica no livro ?A saga de um gaúcho obstinado?; ; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Fundação Araucária; Orientador: Méri Frotscher;

Elizandra Oestreich Siveris

Memória Autobiográfica de Imigrantes na Revista Blumenau em Cadernos (1997-2014); 2015; Iniciação Científica; (Graduando em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Fundação Araucária; Orientador: Méri Frotscher;

Mariah Fank

O artista plástico J; Schmieschke entre o Brasil e a Alemanha: arte, política e escrita epistolar; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Unioeste/PRPPG; Orientador: Méri Frotscher;

Diego Luiz dos Santos

Memórias sobre a II GUerra Mundial na família: memória comunicativa em entrevistas com três gerações em Entre Rios, Guarapuava - PR; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Fundação Araucária; Orientador: Méri Frotscher;

Elionay Rodrigues Marques

Memória, gênero e narrativa autobiográfica no livro "Uma mulher do século passado"; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná; Orientador: Méri Frotscher;

Diná Schmidt

Narrativas de espaço: relatos de viajantes e representações sobre ocupação territorial, agricultura e meio ambiente (Paraná, século XIX); 2009; Iniciação Científica; (Graduando em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Méri Frotscher;

Nicheli Rodrigues Santos

Narrativas do passado, memórias sob controle; ; ; problematizando o ensino de história local a partir do Museu Willy Barth (Toledo, PR); 2009; Iniciação Científica; (Graduando em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Unioeste/PRPPG; Orientador: Méri Frotscher;

Daiane da Silva

Emigração de jovens do Oeste do Paraná e trabalho temporário na agropecuária em países de língua alemã na Europa: memórias e identidades; 2008; Iniciação Científica; (Graduando em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Méri Frotscher;

Diná Schmidt

Entre o local e o global: dinâmicas migratórias para a Suíça numa localidade rural do Oeste do Paraná; 2008; Iniciação Científica; (Graduando em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Méri Frotscher;

Mauro Cezar Vaz de Camargo Júnior

O Projeto Caminhos do Turismo Integrado e a invenção de patrimônios locais no Oeste do Paraná; 2007; Iniciação Científica; (Graduando em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Méri Frotscher;

Denise de Oliveira Costa

Migrações internacionais, redes sociais e trabalho temporário ilegal: a emigração de jovens do Oeste do Paraná para países do Hemisfério Norte; 2007; Iniciação Científica; (Graduando em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná; Orientador: Méri Frotscher;

Denise de Oliveira Costa e Caroline Severo

Retorno às ?origens?? Descendentes de imigrantes no Oeste do Paraná em busca da dupla cidadania; 2007; Iniciação Científica; (Graduando em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná; Orientador: Méri Frotscher;

Priscila Marchini Marins

Percepções do processo de ocupação territorial e de construção de espaços de moradia em Marechal Candido Rondon (1950-1960): memória, cidade e meio ambiente; 2006; Iniciação Científica; (Graduando em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Unioeste/PRPPG; Orientador: Méri Frotscher;

Luciano Egídio Palagano e Mauro Cezar Vaz de Camargo Júnior

Uma investigação sobre patrimônio histórico imaterial em Marechal Candido Rondon; 2006; Iniciação Científica; (Graduando em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Méri Frotscher;

Gladis Fava

Imagens da Alemanha nas páginas dos almanaques em língua alemã de Blumenau nos anos 30; 2004; Iniciação Científica; (Graduando em História) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná; Orientador: Méri Frotscher;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Maria Bernardete Ramos Flores

Etnicidade e trabalho alemão: outros usos e outros produtos do labor humano; 1998; Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Santa Catarina,; Orientador: Maria Bernardete Ramos Flores;

Maria Bernardete Ramos Flores

Da celebração da etnicidade teuto-brasileira à afirmação da brasilidade: ações e discursos das elites na esfera pública de Blumenau (1929-1950); 2003; Tese (Doutorado em História) - Universidade Federal de Santa Catarina,; Orientador: Maria Bernardete Ramos Flores;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

FROTSCHER, Méri . A visita de Getúlio Vargas a Blumenau em1940. 1996.

FROTSCHER, MÉRI . PARECER SOBRE PROJETO PARA CNPQ- Bolsas no País - Pós-doutorado Júnior - PDJ 2019. 2020.

FROTSCHER, MÉRI . PARECER PARA CNPQ - Apoio a Eventos Científicos - Apoio à Participação em Eventos Científicos no Exterior - AVG. 2020.

FROTSCHER, MÉRI . Parecer para CNPq - Bolsas no Exterior - Doutorado Sanduíche - SWE 2019. 2020.

FROTSCHER, Méri . Emissão de Parecer Ad Hoc - AVG para o Cnpq. 2019.

FROTSCHER, Méri . Emissão de Parecer sobre Artigo submetido à revista História Oral. 2019.

FROTSCHER, Méri . Emissão de Parecer Revista Territórios e Fronteiras. 2019.

FROTSCHER, Méri ; BOSCHILIA, Roseli . Elaboração de Projeto Encontro Regional de História Oral - Submissão CNPq. 2019.

FROTSCHER, Méri . Elaboração de parecer para o periódico História em Revista (UFPEL). 2019.

FROTSCHER, Méri . Projeto de Pesquisa submetido ao CNPq - Um estudo sobre cartas e diários de e/imigrantes: microhistória e conexões entre o local e o global. 2019.

FROTSCHER, MÉRI ; Ozias P. Neves ; GUARIZA, Nádia . Organização de Caderno de Resumos do X Encontro Regional Sul de História Oral - O direito à memória. 2019.

FROTSCHER, MÉRI . Coordenação de Simposio Temático História Oral, História de Vida e Narrativa. 2019.

FROTSCHER, MÉRI ; LAVERDI, R. . Coordenação do Forum de Coletivos de História Oral - X Encontro Reg. Sul de História Oral. 2019.

FROTSCHER, MÉRI . Elaboração de Parecer - Bolsa Produtividade CNPq. 2019.

FROTSCHER, MÉRI . Parecer sobre artigo submetido à revista Anos 90. 2019.

FROTSCHER, MÉRI . Comissão Organizadora Local - X Encontro Regional Sul de História Oral. 2019.

FROTSCHER, MÉRI . Parecer de artigo submetido à revista História Oral. 2018.

FROTSCHER, MÉRI ; RUGGIERO, Antonio de . Coordenação do ST Migrações, Exílios e Diásporas em Fontes Orais - Encontro Nacional de História Oral. 2018.

FROTSCHER, Méri . Emissão de parecer para CNPq. Bolsas no País - Pós-doutorado Júnior - PDJ. 2018.

FROTSCHER, Méri . Emissão de pareer ad hoc PQ 2018 CNPq. 2018.

FROTSCHER, Méri . Emissão de parecer para Revista História Oral (ABHO). 2018.

FROTSCHER, Méri . Parecer - Projeto de Pesquisa Produtividade em Pesquisa CNPq. 2018.

FROTSCHER, Méri . Parecer - Projeto de Pesquisa Produtividade em Pesquisa CNPq. 2018.

FROTSCHER, Méri . Parecer Edital Universal CNPq. 2018.

FROTSCHER, Méri . Parecer Edital Universal CNPq. 2018.

FROTSCHER, Méri . Parecer Edital Universal CNPq. 2018.

KRAMER, Méri Frotscher . Emissão de Parecer CNPq - Bolsas no Exterior - Doutorado no Exterior - GDE. 2017.

FROTSCHER, Méri . Emissão de Parecer CNPq - Doutorado Sanduíche no País. 2017.

FROTSCHER, Méri . Emissão de Parecer CNPq - Participação em Evento no Exterior. 2017.

FROTSCHER, Méri ; RUGGIERO, Antonio de . Coordenação de Simpósio Temático ' Migrações, Exílios e Diásporas em Narrativas Orais '. 2017.

FROTSCHER, Méri . Avaliação de pôsteres de Iniciação Científica inscritos no IX Encontro Regional Sul de História Oral ? Democracia, Direitos e Diversidade. 2017.

FROTSCHER, Méri . Participação da Comissão apoiadora do IX Encontro Regional Sul de História Oral ? Democracia, Direitos e Diversidade ,. 2017.

FROTSCHER, Méri . Debatedora no III Colóquio de Pesquisas História, Poder e Práticas Sociais. 2017.

FROTSCHER, Méri . Composição do Comitê Científico do IX Encontro Regional Sul de História Oral. 2017.

FROTSCHER, Méri . Emissão de Parecer para CNPq Bolsas no País - Chamada CNPq N 12/2017 - Bolsas de Produtividade em Pesquisa. 2017.

FROTSCHER, MÉRI . Emissão de Parecer Bolsas no País - Chamada CNPq N 12/2017 - Bolsas de Produtividade em Pesquisa. 2017.

FROTSCHER, MÉRI . Emissão de Parecer para CNPq - Projeto de Pesquisa Chamada 21/2017. 2017.

FROTSCHER, MÉRI . Elaboração de Projeto - Chamada CP 20/15: Bolsas de Doutorado - Fundação Araucária. 2016.

FROTSCHER, MÉRI . Elaboração de Projeto - Chamada CP 19/15: Bolsas de Mestrado - Fundação Araucária. 2016.

FROTSCHER, MÉRI ; BOSCHILIA, Roseli . Coordenação de Simpósio Temático Migrações, Exílios e Diásporas em Narrativas Orais. 2016.

FROTSCHER, MÉRI ; RODEGHERO, Carla Simone . Coordenação do Fórum de Coletivos de História Oral. 2016.

FROTSCHER, MÉRI . História Oral, Práticas Educacionais e Interdisciplinaridade: Fórum de coletivos de História Oral (Caderno de Resumos). 2016.

FROTSCHER, MÉRI . Parecer de projeto de pesquisa PIBIC/CNPq (Udesc). 2016.

FROTSCHER, MÉRI . Parecer de artigo submetido à revista Tempos Históricos. 2016.

FROTSCHER, MÉRI . Parecer Organização de Evento (Programa PAEP - Capes). 2016.

FROTSCHER, MÉRI . Elaboração e submissão de Projeto Bolsa de Produtividade ao CNPq (2017-2019). 2016.

FROTSCHER, MÉRI . Emissão de Parecer Projeto - Bolsa Produtividade CNPq. 2016.

FROTSCHER, MÉRI . Emissão de Parecer Projeto - Bolsa Produtividade CNPq. 2016.

FROTSCHER, Méri . Emissão de parecer de artigo submetido à revista Tempos Históricos. 2016.

FROTSCHER, MÉRI . Integrante da Comissão Institucional de Apoio à Pesquisa Básica e Aplicada. 2016.

FROTSCHER, Méri . Emissão de parecer - Pedido de Bolsa - Estágio Senior no Exterior - CNPq. 2015.

FROTSCHER, Méri . Emissão de parecer - Pedido de Bolsa Estágio pós-doutoral no país - CNPq. 2015.

FROTSCHER, Méri . Emissão de parecer para o CNPq - Apoio a Eventos Científicos - Apoio à Participação em Eventos Científicos no Exterior - AVG. 2015.

FROTSCHER, Méri . Emissão de parecer - Revista Tempos Históricos. 2015.

FROTSCHER, Méri . Emissão de 9 pareceres em 2015 para a Revista História Oral. 2015.

FROTSCHER, MÉRI . Emissão de parecer Revista Latinoamericana de História. 2015.

FROTSCHER, MÉRI . Tradução do artigo Communicative and Cultural Memory, de Jan Assmann, para o português. 2015.

FROTSCHER, Méri . Elaboração e submissão de projeto ao CNPq - Chamada CNPq/ MCTI N 25/2015 Ciências Humanas, Sociais e Sociais Aplicadas.. 2015.

FROTSCHER, Méri . Parecer de artigo - revista de História Latinoamericana (UNISINOS). 2014.

FROTSCHER, Méri . Revisao de traducao de artigo de Alexander Freund (inglês-port.) para publicacao na revista Tempos Históricos. 2014.

FROTSCHER, Méri . Revisao de traducao de artigo (alemao-port.) de Almut Leh para publicacao na revista Tempos Históricos. 2014.

FROTSCHER, Méri . Parecer sobre Projeto de Pesquisa - Chamada n. 01/2014 - CAPES/CNPq/DAAD. 2014.

FROTSCHER, Méri . Parecer Edital Apoio a Projetos de Pesquisa - MCTI/CNPQ/Universal 14/2014. 2014.

FROTSCHER, Méri . Parecer sobre Projeto - Programa de Apoio a Pesquisador Visitante - APV - CNPq. 2014.

FROTSCHER, Méri . Parecer sobre artigo submetido à revista História Oral. 2014.

FROTSCHER, Méri . Parecer sobre projeto de pesquisa - MCTI/CNPQ/Universal 14/2014. 2014.

FROTSCHER, Méri . Parecer sobre 3 projetos de pesquisa - Bolsa Produtividade em Pesquisa - CNPq. 2014.

FROTSCHER, Méri . Parecer para revista Temporalidades. 2014.

FROTSCHER, Méri . Parecer para revista Luminária. 2014.

FROTSCHER, Méri . Parecer para revista Tempos Históricos. 2014.

FROTSCHER, Méri ; STEIN, Marcos Nestor . Coordenação do Simpósio Temático 'Cultura, Etnias e Identificações' durante a ANPUH PR. 2014.

FROTSCHER, Méri . Projeto de pesquisa 'História e memória autobiográfica em narrativas de imigrantes alemães no Brasil'. 2013.

FROTSCHER, Méri . Membro da Comissão de Seleção de Bolsas do Mestrado em História da UNIOESTE (Portaria /2013 - PPGH)2. 2013.

FROTSCHER, Méri ; STEIN, Marcos Nestor ; OLINTO, Beatriz . Coordenação do Simpósio Temático 'Cultura, Etnias e Identificações'. 2013.

FROTSCHER, Méri . Elaboração de parecer para artigo submetido ao Boletim do LEH. 2013.

FROTSCHER, Méri . Elaboração de parecer para artigo submetido à revista História Oral (ISSN 1516-7658). 2013.

FROTSCHER, Méri . Elaboração de 3 pareceres para a Revista Latino-Americana de História (ISSN 2238-0620). 2013.

FROTSCHER, Méri . Coordenação de simpósio temático 'Memórias, territórios e fronteiras'. 2013.

FROTSCHER, Méri . Membro da comissao para elaboracao do projeto de doutorado em história. 2013.

FROTSCHER, Méri . Membro da comissao de pesquisa do Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes. 2013.

FROTSCHER, Méri . Parecer de proposta de livro submetida à Editora da UNICENTRO. 2013.

FROTSCHER, Méri . Revisão de tradução (do alemão para o português) do artigo Problemas ético-investigativos na pesquisa com testemunhas históricas. 2013.

FROTSCHER, Méri . Revisão de tradução (do inglês para o alemão) do artigo História Oral como dados gerados em processo. 2013.

FROTSCHER, Méri ; Stefan Rinke . Organizacao do Dossiê: Brasil e Alemanha pós-1945: perspectivas transnacionais (Revista História Unisinos. 2013.

FROTSCHER, Méri ; LAVERDI, R. . Organizacao do Dossiê História Oral (Revista Tempos Históricos). 2013.

FROTSCHER, Méri . Pedido de auxílio financeiro - Partic. em evento 54. ICA - Viena - Contemplado pela Fundação Araucária e CAPES. 2012.

FROTSCHER, Méri ; ASSIS, Glaucia de Oliveira . Coordenacao do Simpósio Temático Os trânsitos contemporâneos e os relatos orais: desafios teóricos e metodológicos. 2012.

FROTSCHER, Méri ; STEIN, Marcos Nestor ; OLINTO, Beatriz . Coordenacao do Simpósio Temático Cultura, Etnias e Identificacoes durante o XIII Encontro Estadual de história do PR. 2012.

FROTSCHER, Méri . Pedido de Auxílio Financeiro ao CNPq para participacao no Congresso da AREIA - Roma, Itália (contemplado). 2012.

FROTSCHER, Méri . Membro da Comissao Científica do XIIII Encontro Estadual de História ANPUH PR. 2012.

FROTSCHER, Méri . Membro da Comissao Científica do III Simpósio Nacional em História Trabalho, Cultura e Poder 'Memórias, Movimentos Sociais e Hidrelétricas - 30 anos de Itaipu'. 2012.

FROTSCHER, Méri . Membro da Comissao Organizadora do III Simpósio Nacional em História Trabalho, Cultura e Poder 'Memórias, Movimentos Sociais e Hidrelétricas - 30 anos de Itaipu'. 2012.

FROTSCHER, Méri ; LAVERDI, R. ; SOUZA, S. C. M. . Coordenacao do Módulo I do Seminário Interinstitucional de Pós-Graduacao em História UNIOESTE- UEL (15 horas). 2012.

FROTSCHER, Méri . Parecer sobre artigo submetido à Revista Latinoamericana de História. 2012.

FROTSCHER, Méri ; LAVERDI, R. ; SOUZA, S. C. M. . Coordenacao do Módulo II do Seminário Interinstitucional de Pós-Graduacao em História UNIOESTE- UEL. 2012.

FROTSCHER, Méri . Membro do Conselho científico do Laboratório de Microfilmagem e Digitalização do Mestrado em História da UNIOESTE. 2012.

FROTSCHER, Méri . Emissao de Parecer - Revista História, Ciências, Saúde ? Manguinhos. 2011.

FROTSCHER, Méri ; OLINTO, Beatriz ; STEIN, Marcos Nestor . Elaboração de projeto de pequisa Deslocamentos e (des)encontros: refugiados da II Guerra Mundial e ?brasileiros? em Guarapuava - PR. 2011.

FROTSCHER, Méri . Redacao do projeto de Pesquisa O governo brasileiro e a repatriação de cidadãos brasileiros da Alemanha Ocupada: contradições, memórias e silenciamentos. 2011.

WEBER, Regina ; RIBARD, Franck ; FROTSCHER, Méri . Coordenação do Simpósio Temático Oralidade, Memória e Etnicidades - Encontro Nacional de História Oral. 2010.

FROTSCHER, Méri . Elaboraçao de projeto de pesquisa (pós-doutorado) para Capes, CNPq e Fund. Araucária. 2010.

FROTSCHER, Méri . Traducao (alemao-português) do artigo de Harald Welzer A matéria da qual consistem as histórias de vida (a ser public. Revista Espaco Plural). 2010.

FROTSCHER, Méri . Emissao de parecer - Artigo encaminhado para revista Tempo e Argumento (UDESC)k, v. 2, n. 2. 2010.

FROTSCHER, Méri . Elaboração de projeto encaminhado à Fundação Araucária CP 15/2008 (Programa de Apoio a Publicações Científicas - Revista Espaço Plural). Valor financiado: R$ 12.000,00. 2009.

FROTSCHER, Méri . Coordenação da Comissão Científica do V Encontro Regional Sul de História Oral Desigualdades e Diferenças. 2009.

FROTSCHER, Méri . Elaboração de projeto de pesquisa encaminhado à Fundação Araucária Edital 14/2008 ? Pesquisa Básica e Aplicada. Valor financiado: R$ 18.765,97. 2009.

FROTSCHER, Méri . Revisão técnica de tradução alemão - português. ArtigoTake away entre fronteiras: comida e sentimento de pertencimento entre migrantes italianos na Irlanda do Norte. 2009.

FROTSCHER, Méri . Revisão técnica de tradução alemão - português. Artigo Migração, memória e identidade: Narrativas de História Oral no contexto de histórias familiares e nacionais. 2009.

FROTSCHER, Méri . Revisão técnica de tradução inglês- português. Artigo Criando memórias familiares transnacionais: uma família canadense fala sobre a vida da avó na Alemanha nazista. 2009.

FROTSCHER, Méri . Aus den Trümmern ins Land der Zukunft? Deutsche Migrationen nach Brasilien in der Nachkriegszeit (1945-1955) unter transnationaler Perspektive. 2009.

FROTSCHER, Méri . Parecer para a revista PerCursos , v. 10, n. 1 - UDESC. 2009.

FROTSCHER, Méri . Elaboração e coordenação de projeto encaminhado à Fundação Araucária CP 07/2007 (Programa de Apoio a Publicações Científicas - Revista Espaço Plural). Valor recebido: R$ 14.300,00. 2008.

FROTSCHER, Méri . Membro da Comissão Científica do Encontro Estadual da ANPUH- PR. 2008.

FROTSCHER, Méri . Revisão técnica de tradução alemão - português. Artigo Alemães no Brasil (1918-1933): nova emigração e mudança de identidades. 2008.

FROTSCHER, Méri . Emissão de 6 pareceres para a revista Espaço Plural. 2008.

FROTSCHER, Méri ; DUARTE, G. R. ; LAVERDI, R. ; RIBEIRO, S. I. G. . Projeto de Implantação do Laboratório de Pesquisa Práticas Culturais e Identidades. 2007.

FROTSCHER, Méri . Membro de Comissão Científica do I Seminário de Pesquisa Práticas Culturais e Identidades. 2007.

FROTSCHER, Méri . Parecer sobre artigo encaminhado ao periódico Espaço Plural - n. 16. 2007.

FROTSCHER, Méri . Parecer para o periódico Espaço Plural - n. 16. 2007.

FROTSCHER, Méri . Parecer sobre artigo encaminhado ao periódico Espaço Plural - n. 17. 2007.

FROTSCHER, Méri . Parecer sobre artigo encaminhado ao periódico Espaço Plural - n. 17. 2007.

FROTSCHER, Méri . Parecer sobre artigo encaminhado à Revista Percursos. 2007.

FROTSCHER, Méri ; LAVERDI, R. ; KOLING, P. ; DUARTE, G. R. ; von Borstel, Clarice ; Miskiw, Mauro . Reelaboração do Regulamento do Cepedal. 2007.

FROTSCHER, Méri . Elaboração e coordenação de projeto encaminhado à Fundação Araucária CP 03/2007 (Programa de Apoio à Organização de Eventos Científicos - Seminário de Pesquisa Práticas Culturais e Identidades). Valor recebido: R$ 8.834,00. 2007.

FROTSCHER, Méri . Parecer para a revista Tempos Históricos. 2006.

FROTSCHER, Méri . Parecer para o periódico Espaço Plural. 2006.

FROTSCHER, Méri . Parecer para o periódico Espaço Plural. 2006.

FROTSCHER, Méri . Parecer para o periódico Espaço Plural. 2006.

FROTSCHER, Méri ; BRANDL, Carmen Elisa Henn . Elaboração e coordenação de projeto encaminhado à Fundação Araucária CP 037/2005 (Programa de Apoio à Org. de Evento Técnico-Científico - Simpósio Nacional de Ciências Humanas). Valor recebido: R$ 9.000,00. 2006.

FROTSCHER, Méri ; LAVERDI, R. ; DUARTE, G. R. ; BOSI, A. P. ; KOLING, P. ; RIBEIRO, S. I. G. ; SCHREINER, D. F. ; VARUSSA, R. J. ; SILVA, C. L. S. ; CALIL, G. G. . Elaboração do projeto de Mestrado em História. 2005.

FROTSCHER, Méri . Membro de Comissão Acadêmica da II Semana Acadêmica de História da UNIOESTE. 2004.

FROTSCHER, Méri . Elaboração e coordenação de projeto encaminhado à Fundação Araucária CP 08/2004 (Programa de Apoio a Publicações Científicas - Revista Tempos Históricos). Valor recebido: R$ 6.500,00. 2004.

FROTSCHER, MÉRI ; Monteiro, Cláudia . Imperialismo alemão e imaginário colonial. 2020. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Produção de curta (vídeo)).

FROTSCHER, MÉRI ; Monteiro, Cláudia . Vídeo no youtube Imperialismo alemão e imaginário colonial 6 min.. 2020. (Produção de vídeo para o Projeto Curta História! no Youtube).

FROTSCHER, MÉRI . Memória e narrativa autobiográfica: produção e análise de histórias de vida. 2019. .

FROTSCHER, MÉRI . Oficina: Memória e narrativa autobiográfic: produção e análise de histórias de vida. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

FROTSCHER, Méri . Relatório final de pesquisa (Bolsa PQ CNPq). 2017. (Relatório de pesquisa).

FROTSCHER, MÉRI ; GRINBERG, Lucia . Edição do n. 1, v. 19, da revista História Oral, jan- jun/2016. 2016. (Editoração/Periódico).

FROTSCHER, MÉRI . Relatório final de pesquisa (Auxílio Financeiro CNPq). 2016. (Relatório de pesquisa).

FROTSCHER, Méri ; GRINBERG, Lucia . Edição do n. 1, v. 18, da revista História Oral, jan. jul/2015. 2015. (Editoração/Periódico).

FROTSCHER, MÉRI ; GRINBERG, Lucia . Edição do n. 2, v. 18, da revista História Oral, jul./dez. 2015. 2015. (Editoração/Periódico).

FROTSCHER, Méri . Minicurso: História Oral, história de vida e narrativa. 2014. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

FROTSCHER, Méri ; GRINBERG, Lucia . Edição do n.2, v. 17, Revista História Oral, jul./dez. 2014. 2014. (Editoração/Periódico).

FROTSCHER, Méri . Relatório final de pesquisa (Auxílio Financeiro CNPq). 2014. (Relatório de pesquisa).

FROTSCHER, Méri ; STEIN, Marcos Nestor . Curso: Memória e narrativa autobiográfica: questões teóricas e análise de fontes da história contemporânea. 2013. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

FROTSCHER, Méri ; STEIN, Marcos Nestor . Curso: Memória e narrativa autobiográfica: questões teóricas e análise de fontes da história contemporânea. 2012. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

FROTSCHER, Méri . Relatório Final de Pesquisa (Aux. Financeiro Fundação Araucária). 2011. (Relatório de pesquisa).

FROTSCHER, Méri . Relatório Final de Pesquisa (Bolsa Capes Estágio Pós-doutoral). 2011. (Relatório de pesquisa).

FROTSCHER, Méri ; STEIN, Marcos Nestor . Histórias de vida, experiências de guerra e nacional-socialismo: interpretação de narrativas de alemães no Brasil. 2010. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

FROTSCHER, Méri . Editoração do n. 22 da Revista Espaço Plural (Dossiê Saúde e Doença). 2010. (Editoração/Periódico).

FROTSCHER, Méri ; STEIN, Marcos Nestor ; SCHMITT, Elise ; PASCHOAL, Stefano ; KRAMER, Johannes . II MOSTRA DE FILMES ALEMÃES E CICLO DE DEBATES: MURO DE BERLIM. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

FROTSCHER, Méri ; STEIN, Marcos Nestor ; SCHMITT, Elise ; PASCHOAL, Stefano ; KRAMER, Johannes . II MOSTRA DE FILMES ALEMÃES E CICLO DE DEBATES: MURO DE BERLIM. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

FROTSCHER, Méri . Editoração do n. 20 da Revista Espaço Plural (Dossiê Migrações). 2009. (Editoração/Periódico).

FROTSCHER, Méri . Editoração do n. 21 da Revista Espaço Plural (Dossiê HIstória das Mulheres e das Relações de Gêneros). 2009. (Editoração/Periódico).

FROTSCHER, Méri ; LAVERDI, R. ; DUARTE, G. R. . Anais do V Encontro Regional Sul de História Oral "Desigualdades e Diferenças". 2009. (Org. Anais do V Encontro Regional Sul de História Oral CD-Rom ISSN 2175 6872).

FROTSCHER, Méri . Patrimônio, memória e ensino. 2008. .

FROTSCHER, Méri . Editoração do n. 18 da revista Espaço Plural (Dossiê Campo e Cidade). 2008. (Editoração/Periódico).

FROTSCHER, Méri . Editoração do n. 19 da Revista Espaço Plural (Dossiê Brasil/Alemanha: cultura e identidades). 2008. (Editoração/Periódico).

FROTSCHER, Méri . Educação Patrimonial. 2007. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

FROTSCHER, Méri . Patrimônio, Memória e Ensino. 2007. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

FROTSCHER, Méri ; LAVERDI, R. . Coordenação de Grupo de Discussão e Oficina de Fontes Orais. 2007. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

FROTSCHER, Méri . Editoração de número especial do Espaço Plural.. 2007. (Editoração/Periódico).

FROTSCHER, Méri . Editoração do n. 15 do Espaço Plural.. 2007. (Editoração/Periódico).

FROTSCHER, Méri . Editoração do n. 16 da revista Espaço Plural.. 2007. (Editoração/Periódico).

FROTSCHER, Méri . Editoração do n. 17 da revista Espaço Plural (Dossiê Cidades). 2007. (Editoração/Periódico).

DUARTE, G. R. ; FROTSCHER, Méri ; LAVERDI, R. . Anais do I Seminário de Pesquisa Práticas Culturais e Identidades. 2007. (Org. Anais do I Seminário de Pesquisa Práticas Culturais e Identidades CD-Rom ISSN 9788576441151).

FROTSCHER, Méri ; KRAMER, Johannes ; SCHMITT, Elise . Língua, cultura e história Alemã - Mostra de Filmes Alemães. 2006. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

FROTSCHER, Méri . Simpósio Nacional de Ciencias Humanas. Programacao e Resumos. 2006. (Editoração/Outra).

FROTSCHER, Méri . 60 anos do término da Segunda Guerra Mundial na Europa: diferentes representacoes da guerra no cinema. 2005. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

FROTSCHER, Méri ; VARUSSA, R. J. . Memória e paisagem: leitura de fotografias. 2005. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

FROTSCHER, Méri . Editoração do v. 7, n. 1, da Revista Tempos Históricos. 2005. (Editoração/Periódico).

FROTSCHER, Méri ; BRANDL, Carmen Elisa Henn . Anais do Simpósio Nacional em Ciências Humanas. Universidade e Sociedade. 2005. (Org. Anais do Simpósio Nac. Ciências Humanas. Universidade e Sociedade ISBN 8576440814 789 p.).

FROTSCHER, Méri . Oficina: Monumentos como fonte de pesquisa e de ensino de história contemporânea. 2004. .

FROTSCHER, Méri . Mostra de Filmes "Cinema e História": O túnel. Muro de Berlim, Guerra Fria e Ditadura na Alemanha Oriental. 2004. .

FROTSCHER, Méri . Editoração do v. 5/6, n. 1, da Revista Tempos Históricos. 2004. (Editoração/Periódico).

FROTSCHER, Méri . Viagens pela cidade: o transporte coletivo de Blumenau. 2000 (exposição fotográfica) .

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2020 - Atual

    Um estudo sobre cartas e diários de e/imigrantes: microhistória e conexões entre o local e o global, Descrição: Este projeto pretende se debruçar sobre narrativas autobiográficas (diários e cartas) de e/imigrantes que se dirigiram para o Brasil na segunda metade do século XIX, ainda inexploradas pela historiografia, presentes em acervos na Alemanha e no Brasil. O foco é a ?escrita de si? dos próprios migrantes, com base numa abordagem microhistórica que, ao mesmo tempo, conecte diferentes escalas, entre o local e o global. As fontes a serem utilizadas serão o diário de viagem do imigrante Paul Schwarzer, escrito entre setembro de 1862, quando deixa o Reino da Prússia, e fevereiro de 1864, quando se fixa na colônia de Brusque ? SC; o acervo de cartas do casal Ida e Ottokar Dörffel, que emigraram em 1854 da Saxônia para a Colônia Dona Francisca; as cartas do casal Bertha e Emil Odebrecht, imigrantes instalados entre as décadas de 1850 e 1860 na Colônia Blumenau; e cartas integrantes da coleção ?Deutsche Auswandererbriefsammlung Gotha - DABS?, preservada pela Seção de Manuscritos da Forschungsbibliothek Gotha, da Universidade de Erfurt, que guarda o maior acervo de cartas de emigrantes alemães no mundo.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Méri Frotscher - Coordenador / Elizandra Oestreich Siveris - Integrante / Vinícius Koch - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2017 - Atual

    Dos trópicos de volta ao Reich: viver e narrar o retorno para a Alemanha nazista a partir do Brasil (Projeto 433827/2018-1 - Chamada Universal 2018), Descrição: O projeto de pesquisa aborda o retorno de cidadãos alemães (e a imigração, de familiares) para a Alemanha a partir do Brasil, durante o período de 1933 a 1945. O Brasil foi o país de origem do maior número de cidadãos alemães retornados à Alemanha entre os anos 1937 e 1939, número que perfaz mais do que o dobro dos retornados dos Estados Unidos da América, em que pese o fato deste último país ter sido o destino da maioria dos emigrantes alemães. O projeto se baseia em amplo conjunto documental preservado em acervos públicos no Brasil e Alemanha, assim como em livros de memória, autobiografias, diários, fotografias, e num conjunto de mais de duas dezenas de entrevistas realizadas no Brasil.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Méri Frotscher - Coordenador / Andrey Tironi da Silva - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa., Número de produções C, T & A: 8 / Número de orientações: 1

  • 2013 - 2016

    História e memória autobiográfica em narrativas de imigrantes alemães no Brasil - Chamada MCTI/CNPq/MEC/CAPES N 43/2013, Descrição: Este projeto pretende explorar narrativas autobiográficas de sujeitos que se deslocaram da Alemanha e de outros territórios com presença de populações alemãs na Europa rumo ao Brasil, ou que viveram múltiplas migrações entre Brasil e Alemanha durante a primeira metade do século XX até fins dos anos 1950. Tratam-se de fontes de diferentes suportes (orais e escritas), publicadas ou não, escritas em forma de memórias, "trajetórias de vida", cartas, endereçadas a destinatários diversos (instituições ou indivíduos), assim como entrevistas de história de vida. O projeto parte da problematização das ?histórias de vida?, ?trajetórias de vida?, ?memórias individuais?, identificando as conexões entre o individual e o social, o privado e o público, o singular e o coletivo, explícitas ou implícitas no texto. Ademais, o projeto visa investigar como a narrativa funciona na estruturação da vida de sujeitos em situação de migração, retorno, deslocamento e as marcas destes fenômenos nas suas "escritas de si".. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (7) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Méri Frotscher - Coordenador / Marcos Nestor Stein - Integrante / Mariah Fank - Integrante / Elionay Rodrigues Marques - Integrante / Diego dos Santos - Integrante / Beatriz Anselmo Olinto - Integrante / Diogo Mattielo - Integrante / Daniele da Silva Maçaneiro Beiersdof - Integrante / Nadir Mohr - Integrante / Kellin Schöne - Integrante / Elizandra Oestreich Siveris - Integrante / Andrey Tironi dos Santos - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa., Número de produções C, T & A: 21 / Número de orientações: 14

  • 2012 - 2015

    Gênero, instituições e saber psiquiátrico em narrativas da loucura, Descrição: Este projeto tem como objetivo geral problematizar, do ponto de vista do conhecimento histórico e a partir de um conjunto de narrativas de pessoas consideradas loucas, a constituição de um pensamento da loucura, relacionado à experiência da loucura e sua internação em espaços especializados, acontecimentos estes situados no bojo de determinadas configurações da assistência e da ciência psiquiátricas, entre as décadas de 1950 e 2000, privilegiando a dimensão de gênero (em seu intercruzamento com as de classe, raça/etnia e geração), bem como as descontinuidades históricas. As narrativas da loucura privilegiadas como fontes principais e tema/problema desta pesquisa foram gestadas por duas mulheres e um homem, em três momentos históricos diferentes: 1) De Maura Lopes Cançado (1929-1993), o livro Hospício é Deus, produzido como diário entre outubro de 1959 e março de 1960 e publicado pela primeira vez em 1965 e o livro de contos O sofredor do ver, de 1968, que reuniu contos esparsos publicados no suplemento dominical do Jornal do Brasil; 2) De Stela do Patrocínio (1941-1992), Reino dos Bichos e dos Animais é o Meu Nome, oriundo do 'falatório' da autora gravado entre os anos de 1986-1989 e no ano 1991, posteriormente transcrito, e publicado em 2001; 3) De Rodrigo de Souza Leão (1965-2009), Todos os Cachorros são Azuis, livro de estreia do autor publicado em 2008; os livros póstumos, Me roubaram uns dias contados e O Esquizoide, lançados respectivamente em 2010 e 2011 e as publicações do autor nos blogs Lowcura (que reúne poesias, fotografias, textos, alimentado por ele até sua morte) e Rodrigo de Souza Leão (que reúne textos e imagens do autor e sobre ele). Considera-se que a problematização destes três conjuntos textuais oferece informações, pistas, vestígios, que ampliam significativamente a compreensão historiográfica sobre os espaços institucionais, sobre o papel e o significado das instituições, de sua constituição em tempos passados até a contemporaneidade, inserida. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Méri Frotscher - Integrante / Marcos Nestor Stein - Integrante / Yonissa Marmit Wadi - Coordenador / Cézar Karpinski - Integrante / Ana Teresa Acatauassú Venancio - Integrante / Solange Cordeiro - Integrante / Thamara Parteka - Integrante / Teresa Ordorika Sacristán - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 2

  • 2011 - 2014

    Deslocamentos e (des)encontros: refugiados da II Guerra Mundial e ?brasileiros? em Guarapuava - PR (Chamada MCTI /CNPq /MEC/CAPES N 07/2011), Descrição: A pesquisa busca levantar e coletar material documental e produzir fontes orais referente ao distrito de Entre Rios, município de Guarapuava, no período de 1951 a 2011, com vistas à análise das memórias da imigração e da colonização, as formas de sociabilidades e visões de mundo ali elaboradas. O distrito é constituído por cinco vilas: Vitória, Jordãozinho, Socorro, Samambaia e Cachoeira. A formação das vilas se deu em 1951, por ocasião da chegada de cerca de 3.000 refugiados da Segunda Guerra Mundial. Trata-se de membros do grupo conhecido como ?suábios do Danúbio,? oriundos da Romênia, Hungria e, principalmente, da antiga Iugoslávia, que se encontravam em campos de refugiados na Áustria desde o final do conflito. A vinda e a fixação do grupo em Guarapuava foram patrocinadas pelos governos brasileiro e paranaense, bem como por órgãos de humanitários, em especial a ?Ajuda Suíça à Europa?. A área onde foi instalada a colônia Entre Rios, que originou o distrito, era ocupada por fazendas, cuja atividade era a pecuária, que foram desapropriadas pelo governo do Paraná. A partir da segunda metade da década de 1960, a cooperativa do distrito desenvolve ações como a aquisição de áreas de terras, que são distribuídas entre os suábios, a instalação de indústrias e ações visando a criação de uma memória local. Como exemplo cita-se a criação do Museu Histórico de Entre Rios, do Centro Cultural, de uma rádio e a publicação de livros e do jornal Entre Rios. Nesse período verifica-se também um grande afluxo de não-suábios para o distrito, os quais fornecem mão-de-obra para cooperativa e para as propriedades rurais dos suábios. Diante disso, Entre Rios configura-se como um local sui generis para o estudo de formas de sociabilidade e de construção de identidades e de memórias coletivas. Trata-se, portanto, de realizar e analisar entrevistas com suábios nascidos na antiga Iugoslávia, Romênia, Hungria, em campos de refugiados na Áustria e no distrito de Entre Rios e descendentes, bem. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Méri Frotscher - Coordenador / Marcos Nestor Stein - Integrante / Beatriz Olinto - Integrante / Renilson Beraldo - Integrante / GILVANA DE FATIMA FIGUEIREDO GOMES - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 19 / Número de orientações: 2

  • 2009 - 2012

    Memórias da guerra e do nazismo: a repatriação de cidadãos brasileiros da Alemanha após a II Guerra Mundial (Programa de Estágio Pós-Doutoral CAPES), Descrição: Este projeto tem como objetivo investigar a repatriação de brasileiros da Alemanha após a Segunda Guerra Mundial sob uma perspectiva transnacional, a partir de documentação existente em acervos brasileiros e alemães e de entrevistas de História Oral. Entre 1946 e 1949, cidadaos brasileiros, a quase totalidade descendentes de alemaes, foram repatriados ao Brasil pela Missão Militar Brasileira, instalada em Berlim. A maioria deles ou seus pais havia se dirigido ao Brasil durante a República de Weimar (1919-1933) e voltado para a Alemanha no final dos anos 1930. Através de substanciais entrevistas de história de vida produzidas pela autora e de memórias autobiográficas, procura-se perceber o lugar que a II Guerra Mundial e das migrações nas memórias construídas por estes sujeitos e problematizar como lidam (ou não) com o passado nacional-socialista. Para dar visibilidade a estas múltiplas migrações entre ambos os países ? tanto a remigração, no final dos anos 30, como a repatriação, no final dos anos 40, não foi objeto de investigação até o momento ? e para interpretar as memórias em profundidade, este projeto visa a pesquisa documental em arquivos alemães e o acesso a referencial bibliográfico atualizado sobre a problemática da rememoração da Segunda Guerra Mundial e do nacional-socialismo.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Méri Frotscher - Coordenador., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa., Número de produções C, T & A: 29 / Número de orientações: 1

  • 2009 - 2010

    Migrações e outros deslocamentos no Oeste do Paraná: outros enfoques e perspectivas (Edital 14/2008 Fundação Araucária), Descrição: O objetivo desta pesquisa foi investigar e historicizar diferentes dinâmicas migratórias (internacionais, nacionais, regionais), bem como deslocamentos urbano-rurais no Oeste do Paraná entre a década de 1980 e a atualidade, sob novos enfoques e perspectivas. O projeto é desenvolvido por pesquisadores da Linha de Pesquisa Práticas Culturais e Identidades, vinculada ao Mestrado em História da UNIOESTE, e visa estruturar um campo de reflexões que explore as potencialidades dos estudos sobre história oral e migrações, levando em conta as especificidades da região e, ao mesmo tempo, suas conexões com questões e processos mais abrangentes. O projeto buscou apreender a historicidade das múltiplas formas do deslocamento social de brasileiros que viveram e vivem no Oeste do Paraná, com e a partir de memórias e dinâmicas sócio-culturais transfronteiriças, envolvendo reflexões sobre processos de construção de identidades e sobre a constituição de espaços e territórios. A proposta partiu da preocupação em pensar historicamente as múltiplas formas de tradução da diversidade e da conflituosidade tratados pelos próprios sujeitos migrantes. Buscou-se realizar um amplo levantamento bibliográfico e documental sobre a temática e constituir um acervo de fontes orais e visuais.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Méri Frotscher - Coordenador / Geni Rosa Duarte - Integrante / Robson Laverdi - Integrante / Yonissa Marmit Wadi - Integrante., Financiador(es): Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 11 / Número de orientações: 3

  • 2008 - Atual

    Narrativas, memórias e identidades na contemporaneidade, Descrição: Investigação da problemática da construção e expressão de identidades e diferenças em memórias e outras narrativas orais, assim como escritas e visuais, no mundo contemporâneo. A pesquisa se atém às relações entre memórias, representações e processos de identificação e construção de identidades e concomitantemente à produção de fronteiras sociais, culturais e simbólicas.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (3) . , Integrantes: Méri Frotscher - Coordenador / Daniele M. Beiersdorf - Integrante / Roberto Guimaraes - Integrante / Jael dos Santos - Integrante / Talita Maisa Santana - Integrante / Elizandra Oestreich Siveris - Integrante / Tiago Vicente Penteado Bomfim - Integrante / Caroline Tecchio - Integrante., Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 7

  • 2007 - 2009

    Do Oeste do Paraná rumo à Europa: emigração, memória e identidades, Descrição: Têm-se percebido, nos últimos anos, a emigração de jovens do Oeste do Paraná para países do Hemisfério Norte, atraídos principalmente pelo desejo de economizar capital e melhorar de vida no Brasil, após o retorno, mas também pelas possibilidades de aperfeiçoamento técnico e de acúmulo de experiências de vida. Entre os emigrantes figuram, entre outros, os que obtiveram a dupla cidadania européia ? cuja procura tem se elevado nos últimos anos entre os descendentes de imigrantes europeus no Brasil em geral ? os que emigram para trabalhar com contrato firmado em estágios na área da agropecuária e os que emigram e permanecem no país-destino ilegalmente. Na grande maioria dos casos, os emigrantes tornam-se mão-de-obra barata nos países destino e desempenham atividades não qualificadas. Este projeto de pesquisa tem como objetivo investigar esse processo de emigração de jovens do Oeste do Paraná para países europeus com o intuito de trabalhar temporariamente, focalizando o imaginário existente a respeito desses países, as motivações e expectativas dos emigrantes, os recursos relacionais envolvidos nesse processo, as experiências de trabalho e vida no exterior, as identificações e estranhamentos, além da relação entre essas vivências e a construção de identidades individuais. Para o desenvolvimento das investigações, será utilizada principalmente a metodologia da história oral.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Méri Frotscher - Coordenador / Daiane da Silva - Integrante / Denise da Costa Oliveira - Integrante / Caroline Severo de Azevedo - Integrante / Diná SCHMIDT - Integrante., Número de produções C, T & A: 15 / Número de orientações: 3

  • 2004 - 2006

    Patrimônio histórico em Marechal Cândido Rondon: levantamento de imóveis, documentação, catalogação de dados e educação patrimonial, Descrição: O projeto visa desenvolver pesquisas e reflexoes sobre cidade, memória e patrimonio histórico no Oeste do Paraná, mais especificamente em Marechal Candido Rondon. O projeto visa pesquisar "lugares da memória" na cidade e as diferentes concepcoes de patrimonio nas escolas do município. O projeto ainda objetiva desenvolver um trabalho de levantamento e produção de fontes, de diferentes suportes, relativas à evolução urbana e a práticas, saberes e experiências cotidianas de construção, moradia e ocupação dos espaços no município. Em que pese o fato da ocupação do município ser relativamente recente, marcada por intensos movimentos migratórios, o crescimento demográfico, a mecanização da agricultura e processo de urbanização alteraram significativamente o espaço da cidade e os modos de vida de seus habitantes. A pesquisa visa também a documentação de imóveis atualmente existentes no município, em espaços previamente delimitados de forma a documentar de forma detalhada a ocupação de ruas e terrenos, alimentando um banco de dados que permitam também a realização de investigações futuras sobre a evolução urbana daquelas áreas, através de estudos comparativos. Um segundo objetivo da pesquisa é desenvolver a análise de fontes levantadas e produzidas levando em conta experiências de pesquisa sobre cidade, memória e patrimônio pautadas nas experiências e saberes dos sujeitos, na construção de territorialidades e na reprodução de modos de vida.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Especialização: (1) . , Integrantes: Méri Frotscher - Coordenador / Luciano Palagano - Integrante / Priscila Marchini Marins - Integrante / Mauro Vaz Camargo Júnior - Integrante., Número de produções C, T & A: 14 / Número de orientações: 4

  • 2003 - 2006

    Práticas de leitura em alemão: almanaques e revistas publicadas em Blumenau entre 1900 e 1965, Descrição: O projeto visou, em primeiro lugar, levantar os títulos e volumes de almanaques e revistas publicados em língua alemã, em Blumenau - SC, entre 1900 e 1965, realizar a indexação do seu conteúdo e a tradução dos títulos dos textos publicados. O projeto deu origem ao Índice de almanaques e revistas publicados em língua alemã em Blumenau (1900 e 1965): referência de autores, títulos e assuntos, constitundo um importante instrumento de pesquisa. O banco de dados encontra-se à disposicao dos pesquisadores junto ao Arquivo Histórico José Ferreira da Silva (Blumenau), depositário dos periódicos indexados. O projeto ainda visa a análise das características editoriais dos periódicos e de seu conteúdo. Questões/temas até o momento abordados foram: relações entre história e literatura; relações entre almanaques, cultura impressa e cidade; relações entre campo e cidade; propaganda nacional-socialista (através do Blumenauer Volkskalender) e o papel dos almanaques na propaganda de projetos de ocupação territorial no Brasil nas décadas de 30 e 60.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Méri Frotscher - Coordenador / Gladis Fava - Integrante / Márcia Wickert - Integrante., Número de produções C, T & A: 11 / Número de orientações: 1

  • 1999 - 2003

    Da celebração da germanidade à afirmação da brasilidade: ações e discursos das elites locais na esfer pública de Blumenau (1929-1950), Descrição: Esta pesquisa focalizou práticas e discursos afirmativos de identidades culturais na esfera pública de Blumenau entre duas comemorações, a dos cem anos da imigração alemã no estado de Santa Catarina, em 1929, e a dos cem anos do município de Blumenau, em 1950. A Segunda Guerra Mundial, a Campanha de Nacionalização, a política em nível nacional e estadual, assim como fatores locais interferiram intensamente nas manifestações culturais e na produção de discursos sobre identidades. A repressão, as interdições e as imposições de práticas culturais realizadas neste período autoritário da história brasileira acentuaram ainda mais a capacidade que os Estados têm de desfazer o que a história fez e de provocar mudanças culturais. No caso de Blumenau, a pesquisa mostrou como as elites locais procuraram, neste contexto, negociar e reconstruir identidades culturais, em meio aos jogos da política. A análise se preocupa em visualizar suas reações, articulações, estratégias, negociações, resistências e acomodações, no sentido de reproduzir e preservar poderes, evidenciando as estreitas relações entre cultura e política.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Méri Frotscher - Coordenador., Número de produções C, T & A: 7

  • 1996 - 1998

    Etnicidade e "trabalho alemão": outros usos e outros produtos do labor humano, Descrição: Essa pesquisa analisou a construção e a mobilização dos imaginários sociais, no caso o da ?cidade do trabalho?, ?cidade indômita?, veiculado intensamente na campanha pró-reconstrução da cidade após as grandes enchentes de 1983 e 1984. Neste momento o poder público e a imprensa investiram num discurso de valorização do passado de ocupação da cidade de forte cunho étnico como argumento para a campanha de reconstrução. Pude mostrar como o conceito ?trabalho alemão? foi sendo apropriado de diferentes maneiras na construção de discursos de identidade étnica, ao longo da história e como foi apropriado e ressignificado na elaboração de uma formação discursiva identificadora da cidade.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Méri Frotscher - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 5

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de desenvolvimento

  • 2009 - 2010

    Crônica da Itoupava Seca Altona (1850-1918): digitalização, transcrição e tradução, Descrição: O projeto visou digitalizar, transcrever e traduzir a versão original da "Chronik des Ortes Itoupava Secca Altona von seiner Enstehung bis zur Einverleibung zum Stadtgebiet Blumenau geschrieben 1918" (Crônica da Itoupava Seca Altona. Da sua origem à incorporação à área urbana de Blumenau, escrita em 1918), volume manuscrito na língua alemã (grafia Sütterlin) pelo imigrante alemao Max Humpl. O autor imigrou da Bavária para o Brasil em 1912 e desde 1913 era professor da escola alemã de Altona (Blumenau - SC) e regente da Sociedade Masculina de Canto Eintracht. Documento inédito, a volumosa crônica perfaz um total de 322 páginas. Se refere à localidade de Altona entre os anos de 1850 a 1918. Foi escrita pelo autor após 4 anos de pesquisas junto a antigos moradores de Altona. . , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Méri Frotscher - Coordenador / Johannes Kramer - Integrante / Adriano Steffler - Integrante., Financiador(es): Fundacao Cultural de Blumenau - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2010

    Crônica da Itoupava Seca Altona (1850-1918): digitalização, transcrição e tradução, Descrição: O projeto visou digitalizar, transcrever e traduzir a versão original da "Chronik des Ortes Itoupava Secca Altona von seiner Enstehung bis zur Einverleibung zum Stadtgebiet Blumenau geschrieben 1918" (Crônica da Itoupava Seca Altona. Da sua origem à incorporação à área urbana de Blumenau, escrita em 1918), volume manuscrito na língua alemã (grafia Sütterlin) pelo imigrante alemao Max Humpl. O autor imigrou da Bavária para o Brasil em 1912 e desde 1913 era professor da escola alemã de Altona (Blumenau - SC) e regente da Sociedade Masculina de Canto Eintracht. Documento inédito, a volumosa crônica perfaz um total de 322 páginas. Se refere à localidade de Altona entre os anos de 1850 a 1918. Foi escrita pelo autor após 4 anos de pesquisas junto a antigos moradores de Altona. . , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Méri Frotscher - Coordenador / Johannes Kramer - Integrante / Adriano Steffler - Integrante., Financiador(es): Fundacao Cultural de Blumenau - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2010

    Crônica da Itoupava Seca Altona (1850-1918): digitalização, transcrição e tradução, Descrição: O projeto visou digitalizar, transcrever e traduzir a versão original da "Chronik des Ortes Itoupava Secca Altona von seiner Enstehung bis zur Einverleibung zum Stadtgebiet Blumenau geschrieben 1918" (Crônica da Itoupava Seca Altona. Da sua origem à incorporação à área urbana de Blumenau, escrita em 1918), volume manuscrito na língua alemã (grafia Sütterlin) pelo imigrante alemao Max Humpl. O autor imigrou da Bavária para o Brasil em 1912 e desde 1913 era professor da escola alemã de Altona (Blumenau - SC) e regente da Sociedade Masculina de Canto Eintracht. Documento inédito, a volumosa crônica perfaz um total de 322 páginas. Se refere à localidade de Altona entre os anos de 1850 a 1918. Foi escrita pelo autor após 4 anos de pesquisas junto a antigos moradores de Altona. . , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Méri Frotscher - Coordenador / Johannes Kramer - Integrante / Adriano Steffler - Integrante., Financiador(es): Fundacao Cultural de Blumenau - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2010

    Crônica da Itoupava Seca Altona (1850-1918): digitalização, transcrição e tradução, Descrição: O projeto visou digitalizar, transcrever e traduzir a versão original da "Chronik des Ortes Itoupava Secca Altona von seiner Enstehung bis zur Einverleibung zum Stadtgebiet Blumenau geschrieben 1918" (Crônica da Itoupava Seca Altona. Da sua origem à incorporação à área urbana de Blumenau, escrita em 1918), volume manuscrito na língua alemã (grafia Sütterlin) pelo imigrante alemao Max Humpl. O autor imigrou da Bavária para o Brasil em 1912 e desde 1913 era professor da escola alemã de Altona (Blumenau - SC) e regente da Sociedade Masculina de Canto Eintracht. Documento inédito, a volumosa crônica perfaz um total de 322 páginas. Se refere à localidade de Altona entre os anos de 1850 a 1918. Foi escrita pelo autor após 4 anos de pesquisas junto a antigos moradores de Altona.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Méri Frotscher - Coordenador / Johannes Kramer - Integrante / Adriano Steffler - Integrante., Financiador(es): Fundacao Cultural de Blumenau - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2010

    Crônica da Itoupava Seca Altona (1850-1918): digitalização, transcrição e tradução, Descrição: O projeto visou digitalizar, transcrever e traduzir a versão original da "Chronik des Ortes Itoupava Secca Altona von seiner Enstehung bis zur Einverleibung zum Stadtgebiet Blumenau geschrieben 1918" (Crônica da Itoupava Seca Altona. Da sua origem à incorporação à área urbana de Blumenau, escrita em 1918), volume manuscrito na língua alemã (grafia Sütterlin) pelo imigrante alemao Max Humpl. O autor imigrou da Bavária para o Brasil em 1912 e desde 1913 era professor da escola alemã de Altona (Blumenau - SC) e regente da Sociedade Masculina de Canto Eintracht. Documento inédito, a volumosa crônica perfaz um total de 322 páginas. Se refere à localidade de Altona entre os anos de 1850 a 1918. Foi escrita pelo autor após 4 anos de pesquisas junto a antigos moradores de Altona.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Méri Frotscher - Coordenador / Johannes Kramer - Integrante / Adriano Steffler - Integrante., Financiador(es): Fundacao Cultural de Blumenau - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2010

    Crônica da Itoupava Seca Altona (1850-1918): digitalização, transcrição e tradução, Descrição: O projeto visou digitalizar, transcrever e traduzir a versão original da "Chronik des Ortes Itoupava Secca Altona von seiner Enstehung bis zur Einverleibung zum Stadtgebiet Blumenau geschrieben 1918" (Crônica da Itoupava Seca Altona. Da sua origem à incorporação à área urbana de Blumenau, escrita em 1918), volume manuscrito na língua alemã (grafia Sütterlin) pelo imigrante alemao Max Humpl. O autor imigrou da Bavária para o Brasil em 1912 e desde 1913 era professor da escola alemã de Altona (Blumenau - SC) e regente da Sociedade Masculina de Canto Eintracht. Documento inédito, a volumosa crônica perfaz um total de 322 páginas. Se refere à localidade de Altona entre os anos de 1850 a 1918. Foi escrita pelo autor após 4 anos de pesquisas junto a antigos moradores de Altona.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Méri Frotscher - Coordenador / Johannes Kramer - Integrante / Adriano Steffler - Integrante., Financiador(es): Fundacao Cultural de Blumenau - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2010

    Crônica da Itoupava Seca Altona (1850-1918): digitalização, transcrição e tradução, Descrição: O projeto visou digitalizar, transcrever e traduzir a versão original da "Chronik des Ortes Itoupava Secca Altona von seiner Enstehung bis zur Einverleibung zum Stadtgebiet Blumenau geschrieben 1918" (Crônica da Itoupava Seca Altona. Da sua origem à incorporação à área urbana de Blumenau, escrita em 1918), volume manuscrito na língua alemã (grafia Sütterlin) pelo imigrante alemao Max Humpl. O autor imigrou da Bavária para o Brasil em 1912 e desde 1913 era professor da escola alemã de Altona (Blumenau - SC) e regente da Sociedade Masculina de Canto Eintracht. Documento inédito, a volumosa crônica perfaz um total de 322 páginas. Se refere à localidade de Altona entre os anos de 1850 a 1918. Foi escrita pelo autor após 4 anos de pesquisas junto a antigos moradores de Altona.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Méri Frotscher - Coordenador / Johannes Kramer - Integrante / Adriano Steffler - Integrante., Financiador(es): Fundacao Cultural de Blumenau - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2010

    Crônica da Itoupava Seca Altona (1850-1918): digitalização, transcrição e tradução, Descrição: O projeto visou digitalizar, transcrever e traduzir a versão original da "Chronik des Ortes Itoupava Secca Altona von seiner Enstehung bis zur Einverleibung zum Stadtgebiet Blumenau geschrieben 1918" (Crônica da Itoupava Seca Altona. Da sua origem à incorporação à área urbana de Blumenau, escrita em 1918), volume manuscrito na língua alemã (grafia Sütterlin) pelo imigrante alemao Max Humpl. O autor imigrou da Bavária para o Brasil em 1912 e desde 1913 era professor da escola alemã de Altona (Blumenau - SC) e regente da Sociedade Masculina de Canto Eintracht. Documento inédito, a volumosa crônica perfaz um total de 322 páginas. Se refere à localidade de Altona entre os anos de 1850 a 1918. Foi escrita pelo autor após 4 anos de pesquisas junto a antigos moradores de Altona.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Méri Frotscher - Coordenador / Johannes Kramer - Integrante / Adriano Steffler - Integrante., Financiador(es): Fundacao Cultural de Blumenau - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2010

    Crônica da Itoupava Seca Altona (1850-1918): digitalização, transcrição e tradução, Descrição: O projeto visou digitalizar, transcrever e traduzir a versão original da "Chronik des Ortes Itoupava Secca Altona von seiner Enstehung bis zur Einverleibung zum Stadtgebiet Blumenau geschrieben 1918" (Crônica da Itoupava Seca Altona. Da sua origem à incorporação à área urbana de Blumenau, escrita em 1918), volume manuscrito na língua alemã (grafia Sütterlin) pelo imigrante alemao Max Humpl. O autor imigrou da Bavária para o Brasil em 1912 e desde 1913 era professor da escola alemã de Altona (Blumenau - SC) e regente da Sociedade Masculina de Canto Eintracht. Documento inédito, a volumosa crônica perfaz um total de 322 páginas. Se refere à localidade de Altona entre os anos de 1850 a 1918. Foi escrita pelo autor após 4 anos de pesquisas junto a antigos moradores de Altona.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Méri Frotscher - Coordenador / Johannes Kramer - Integrante / Adriano Steffler - Integrante., Financiador(es): Fundacao Cultural de Blumenau - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2010

    Crônica da Itoupava Seca Altona (1850-1918): digitalização, transcrição e tradução, Descrição: O projeto visou digitalizar, transcrever e traduzir a versão original da "Chronik des Ortes Itoupava Secca Altona von seiner Enstehung bis zur Einverleibung zum Stadtgebiet Blumenau geschrieben 1918" (Crônica da Itoupava Seca Altona. Da sua origem à incorporação à área urbana de Blumenau, escrita em 1918), volume manuscrito na língua alemã (grafia Sütterlin) pelo imigrante alemao Max Humpl. O autor imigrou da Bavária para o Brasil em 1912 e desde 1913 era professor da escola alemã de Altona (Blumenau - SC) e regente da Sociedade Masculina de Canto Eintracht. Documento inédito, a volumosa crônica perfaz um total de 322 páginas. Se refere à localidade de Altona entre os anos de 1850 a 1918. Foi escrita pelo autor após 4 anos de pesquisas junto a antigos moradores de Altona.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Méri Frotscher - Coordenador / Johannes Kramer - Integrante / Adriano Steffler - Integrante., Financiador(es): Fundacao Cultural de Blumenau - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2010

    Crônica da Itoupava Seca Altona (1850-1918): digitalização, transcrição e tradução, Descrição: O projeto visou digitalizar, transcrever e traduzir a versão original da "Chronik des Ortes Itoupava Secca Altona von seiner Enstehung bis zur Einverleibung zum Stadtgebiet Blumenau geschrieben 1918" (Crônica da Itoupava Seca Altona. Da sua origem à incorporação à área urbana de Blumenau, escrita em 1918), volume manuscrito na língua alemã (grafia Sütterlin) pelo imigrante alemao Max Humpl. O autor imigrou da Bavária para o Brasil em 1912 e desde 1913 era professor da escola alemã de Altona (Blumenau - SC) e regente da Sociedade Masculina de Canto Eintracht. Documento inédito, a volumosa crônica perfaz um total de 322 páginas. Se refere à localidade de Altona entre os anos de 1850 a 1918. Foi escrita pelo autor após 4 anos de pesquisas junto a antigos moradores de Altona.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Méri Frotscher - Coordenador / Johannes Kramer - Integrante / Adriano Steffler - Integrante., Financiador(es): Fundacao Cultural de Blumenau - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2010

    Crônica da Itoupava Seca Altona (1850-1918): digitalização, transcrição e tradução, Descrição: O projeto visou digitalizar, transcrever e traduzir a versão original da "Chronik des Ortes Itoupava Secca Altona von seiner Enstehung bis zur Einverleibung zum Stadtgebiet Blumenau geschrieben 1918" (Crônica da Itoupava Seca Altona. Da sua origem à incorporação à área urbana de Blumenau, escrita em 1918), volume manuscrito na língua alemã (grafia Sütterlin) pelo imigrante alemao Max Humpl. O autor imigrou da Bavária para o Brasil em 1912 e desde 1913 era professor da escola alemã de Altona (Blumenau - SC) e regente da Sociedade Masculina de Canto Eintracht. Documento inédito, a volumosa crônica perfaz um total de 322 páginas. Se refere à localidade de Altona entre os anos de 1850 a 1918. Foi escrita pelo autor após 4 anos de pesquisas junto a antigos moradores de Altona.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Méri Frotscher - Coordenador / Johannes Kramer - Integrante / Adriano Steffler - Integrante., Financiador(es): Fundacao Cultural de Blumenau - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2010

    Crônica da Itoupava Seca Altona (1850-1918): digitalização, transcrição e tradução, Descrição: O projeto visou digitalizar, transcrever e traduzir a versão original da "Chronik des Ortes Itoupava Secca Altona von seiner Enstehung bis zur Einverleibung zum Stadtgebiet Blumenau geschrieben 1918" (Crônica da Itoupava Seca Altona. Da sua origem à incorporação à área urbana de Blumenau, escrita em 1918), volume manuscrito na língua alemã (grafia Sütterlin) pelo imigrante alemao Max Humpl. O autor imigrou da Bavária para o Brasil em 1912 e desde 1913 era professor da escola alemã de Altona (Blumenau - SC) e regente da Sociedade Masculina de Canto Eintracht. Documento inédito, a volumosa crônica perfaz um total de 322 páginas. Se refere à localidade de Altona entre os anos de 1850 a 1918. Foi escrita pelo autor após 4 anos de pesquisas junto a antigos moradores de Altona.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento.

  • 2009 - 2010

    Crônica da Itoupava Seca Altona (1850-1918): digitalização, transcrição e tradução, Descrição: O projeto visou digitalizar, transcrever e traduzir a versão original da "Chronik des Ortes Itoupava Secca Altona von seiner Enstehung bis zur Einverleibung zum Stadtgebiet Blumenau geschrieben 1918" (Crônica da Itoupava Seca Altona. Da sua origem à incorporação à área urbana de Blumenau, escrita em 1918), volume manuscrito na língua alemã (grafia Sütterlin) pelo imigrante alemao Max Humpl. O autor imigrou da Bavária para o Brasil em 1912 e desde 1913 era professor da escola alemã de Altona (Blumenau - SC) e regente da Sociedade Masculina de Canto Eintracht. Documento inédito, a volumosa crônica perfaz um total de 322 páginas. Se refere à localidade de Altona entre os anos de 1850 a 1918. Foi escrita pelo autor após 4 anos de pesquisas junto a antigos moradores de Altona.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento.

  • 2009 - 2010

    Crônica da Itoupava Seca Altona (1850-1918): digitalização, transcrição e tradução, Descrição: O projeto visou digitalizar, transcrever e traduzir a versão original da "Chronik des Ortes Itoupava Secca Altona von seiner Enstehung bis zur Einverleibung zum Stadtgebiet Blumenau geschrieben 1918" (Crônica da Itoupava Seca Altona. Da sua origem à incorporação à área urbana de Blumenau, escrita em 1918), volume manuscrito na língua alemã (grafia Sütterlin) pelo imigrante alemao Max Humpl. O autor imigrou da Bavária para o Brasil em 1912 e desde 1913 era professor da escola alemã de Altona (Blumenau - SC) e regente da Sociedade Masculina de Canto Eintracht. Documento inédito, a volumosa crônica perfaz um total de 322 páginas. Se refere à localidade de Altona entre os anos de 1850 a 1918. Foi escrita pelo autor após 4 anos de pesquisas junto a antigos moradores de Altona.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento.

  • 2009 - 2010

    Crônica da Itoupava Seca Altona (1850-1918): digitalização, transcrição e tradução, Descrição: O projeto visou digitalizar, transcrever e traduzir a versão original da "Chronik des Ortes Itoupava Secca Altona von seiner Enstehung bis zur Einverleibung zum Stadtgebiet Blumenau geschrieben 1918" (Crônica da Itoupava Seca Altona. Da sua origem à incorporação à área urbana de Blumenau, escrita em 1918), volume manuscrito na língua alemã (grafia Sütterlin) pelo imigrante alemao Max Humpl. O autor imigrou da Bavária para o Brasil em 1912 e desde 1913 era professor da escola alemã de Altona (Blumenau - SC) e regente da Sociedade Masculina de Canto Eintracht. Documento inédito, a volumosa crônica perfaz um total de 322 páginas. Se refere à localidade de Altona entre os anos de 1850 a 1918. Foi escrita pelo autor após 4 anos de pesquisas junto a antigos moradores de Altona.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Méri Frotscher - Coordenador / Johannes Kramer - Integrante / Adriano Steffler - Integrante., Financiador(es): Fundacao Cultural de Blumenau - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2010

    Crônica da Itoupava Seca Altona (1850-1918): digitalização, transcrição e tradução, Descrição: O projeto visou digitalizar, transcrever e traduzir a versão original da "Chronik des Ortes Itoupava Secca Altona von seiner Enstehung bis zur Einverleibung zum Stadtgebiet Blumenau geschrieben 1918" (Crônica da Itoupava Seca Altona. Da sua origem à incorporação à área urbana de Blumenau, escrita em 1918), volume manuscrito na língua alemã (grafia Sütterlin) pelo imigrante alemao Max Humpl. O autor imigrou da Bavária para o Brasil em 1912 e desde 1913 era professor da escola alemã de Altona (Blumenau - SC) e regente da Sociedade Masculina de Canto Eintracht. Documento inédito, a volumosa crônica perfaz um total de 322 páginas. Se refere à localidade de Altona entre os anos de 1850 a 1918. Foi escrita pelo autor após 4 anos de pesquisas junto a antigos moradores de Altona.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Méri Frotscher - Coordenador / Johannes Kramer - Integrante / Adriano Steffler - Integrante., Financiador(es): Fundacao Cultural de Blumenau - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2010

    Crônica da Itoupava Seca Altona (1850-1918): digitalização, transcrição e tradução, Descrição: O projeto visou digitalizar, transcrever e traduzir a versão original da "Chronik des Ortes Itoupava Secca Altona von seiner Enstehung bis zur Einverleibung zum Stadtgebiet Blumenau geschrieben 1918" (Crônica da Itoupava Seca Altona. Da sua origem à incorporação à área urbana de Blumenau, escrita em 1918), volume manuscrito na língua alemã (grafia Sütterlin) pelo imigrante alemao Max Humpl. O autor imigrou da Bavária para o Brasil em 1912 e desde 1913 era professor da escola alemã de Altona (Blumenau - SC) e regente da Sociedade Masculina de Canto Eintracht. Documento inédito, a volumosa crônica perfaz um total de 322 páginas. Se refere à localidade de Altona entre os anos de 1850 a 1918. Foi escrita pelo autor após 4 anos de pesquisas junto a antigos moradores de Altona.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Méri Frotscher - Coordenador / Johannes Kramer - Integrante / Adriano Steffler - Integrante., Financiador(es): Fundacao Cultural de Blumenau - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2010

    Crônica da Itoupava Seca Altona (1850-1918): digitalização, transcrição e tradução, Descrição: O projeto visou digitalizar, transcrever e traduzir a versão original da "Chronik des Ortes Itoupava Secca Altona von seiner Enstehung bis zur Einverleibung zum Stadtgebiet Blumenau geschrieben 1918" (Crônica da Itoupava Seca Altona. Da sua origem à incorporação à área urbana de Blumenau, escrita em 1918), volume manuscrito na língua alemã (grafia Sütterlin) pelo imigrante alemao Max Humpl. O autor imigrou da Bavária para o Brasil em 1912 e desde 1913 era professor da escola alemã de Altona (Blumenau - SC) e regente da Sociedade Masculina de Canto Eintracht. Documento inédito, a volumosa crônica perfaz um total de 322 páginas. Se refere à localidade de Altona entre os anos de 1850 a 1918. Foi escrita pelo autor após 4 anos de pesquisas junto a antigos moradores de Altona.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Méri Frotscher - Coordenador / Johannes Kramer - Integrante / Adriano Steffler - Integrante., Financiador(es): Fundacao Cultural de Blumenau - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2010

    Crônica da Itoupava Seca Altona (1850-1918): digitalização, transcrição e tradução, Descrição: O projeto visou digitalizar, transcrever e traduzir a versão original da "Chronik des Ortes Itoupava Secca Altona von seiner Enstehung bis zur Einverleibung zum Stadtgebiet Blumenau geschrieben 1918" (Crônica da Itoupava Seca Altona. Da sua origem à incorporação à área urbana de Blumenau, escrita em 1918), volume manuscrito na língua alemã (grafia Sütterlin) pelo imigrante alemao Max Humpl. O autor imigrou da Bavária para o Brasil em 1912 e desde 1913 era professor da escola alemã de Altona (Blumenau - SC) e regente da Sociedade Masculina de Canto Eintracht. Documento inédito, a volumosa crônica perfaz um total de 322 páginas. Se refere à localidade de Altona entre os anos de 1850 a 1918. Foi escrita pelo autor após 4 anos de pesquisas junto a antigos moradores de Altona.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Méri Frotscher - Coordenador / Johannes Kramer - Integrante / Adriano Steffler - Integrante., Financiador(es): Fundacao Cultural de Blumenau - Auxílio financeiro.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Prêmios

2017

Menção honrosa concedida ao orientando de Iniciação Científica Andrey Tironi da Silva durante o III Encontro de Iniciação Científica da UNIOESTE, PRPPG - UNIOESTE.

2015

Orientadora do Melhor Trabalho da Grande Área de Ciências Humanas - I Encontro Anual de Iniciação Científica - UNIOESTE (Comitê Assessor Externo - CNPq) . Orientanda Elizandra Oestreich Siveris, Universidade Estadual do Oeste do Paraná - PRPPG.

2014

Apoio financeiro da CAPES para apresentar trabalho na 19 th ASN World Convention (The Association for the Study of Nationalities), Columbia Univeristy, New York, abr. 2014., ASN.

2014

Apoio financeiro da Fundação Araucária para apresentar trabalho no Congresso da AHILA - Berlim, set. 2014., AHILA - Associação de Historiadores Latinoamericanistas Europeus.

2012

Apoio financeiro da CAPES para apresentar trabalho no 54. International Congress of Americanists - Viena - julho/2012, .

2012

Apoio financeiro do CNPq para apresentar trabalho no Congresso da AREIA, Roma, Itália, out. 2012, .

1997

1o. lugar no II Concurso Estadual de Monografias Oswaldo Rodrigues Cabral (Título: Blumenau nas enchentes de 1983), Fundação Catarinense de Cultura.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Universidade do Oeste do Paraná, Centro de Ciências Humanas, Educação e Letras. , Rua Pernambuco 1777, centro, 85960000 - Marechal Cândido Rondon, PR - Brasil, Telefone: (45) 32847900, Fax: (45) 32847879, URL da Homepage:

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2010 - 2011

    Freie Universität Berlin

    Vínculo: Pesquisadora visitante, Enquadramento Funcional: Pesquisadora visitante, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Pesquisadora visitante junto ao Instituto Latinoamericano da FU-Berlin.

  • 2003 - 2003

    Fundação Cultural de Blumenau

    Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Chefe de Divisão de Arquivos Históricos, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Atividades

    • 02/2003 - 06/2003

      Direção e administração, Arquivo Histórico José Ferreira da Silva, .,Cargo ou função, Chefe de Divisão de Arquivos Históricos.

  • 2003 - Atual

    Universidade Estadual do Oeste do Paraná

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professora associada, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Atividades

    • 08/2019

      Ensino, História, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Tópicos Especiais em História Contemporânea

    • 08/2019

      Ensino, História, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, Estudos Avançados em Cultura e Identidades I

    • 02/2005

      Pesquisa e desenvolvimento , Centro de Ciência Humanas, Educação e Letras/Colegiado de História, .,Linhas de pesquisa

    • 08/2018 - 12/2018

      Ensino, História, Poder e Práticas Sociais, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, Estudos Avançados Cultura e Identidades

    • 08/2018 - 12/2018

      Ensino, História, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Tópicos Especiais em História Contemporânea

    • 03/2014 - 12/2017

      Ensino, História, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, História Contemporânea I

    • 03/2017 - 07/2017

      Ensino, História, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, Seminário de Tese

    • 03/2017 - 07/2017

      Ensino, História, Poder e Práticas Sociais, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, História e Identidades

    • 01/2016 - 10/2016

      Direção e administração, Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em História, .,Cargo ou função, Coordenadora do Programa de Pós-Graduação em História.

    • 03/2016 - 07/2016

      Ensino, História, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, História e Identidades

    • 08/2011 - 02/2016

      Direção e administração, Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em História, .,Cargo ou função, Coordenação do Laboratório de Pesquisas Práticas Culturais e Identidades.

    • 08/2015 - 12/2015

      Ensino, História, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, Estudos Avançados em Cultura e Identidades

    • 10/2012 - 12/2015

      Direção e administração, Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em História, .,Cargo ou função, Suplente da Coordenacao do Programa de Pós-Graduacao Stricto Sensu em História, Poder e Práticas Sociais.

    • 03/2014 - 07/2014

      Ensino, História, Poder e Práticas Sociais, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, História e Práticas Culturais

    • 07/2013 - 12/2013

      Ensino, História, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Teoria da História II

    • 02/2013 - 07/2013

      Ensino, História, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Métodos e Técnicas de Pesquisa I

    • 03/2012 - 06/2012

      Ensino, Programa de Pós-Graduação em História, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, História, Memória e Narrativa (Tóp. Especial)

    • 02/2012 - 06/2012

      Ensino, História, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, História, Memória e Narrativa(s)

    • 08/2011 - 12/2011

      Ensino, História, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Metodologia e Técnicas de Pesquisa II

    • 08/2011 - 12/2011

      Ensino, História, Poder e Práticas Sociais, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, História e Identidades

    • 03/2010 - 07/2010

      Ensino, História, Poder e Práticas Sociais, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, Memória e Narrativa

    • 02/2010 - 07/2010

      Ensino, História, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Memória e Narrativa

    • 03/2007 - 07/2010

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Núcleo de Pesquisa e Documentação sobre o Oeste do Paraná, .,Cargo ou função, Sub-Coordenadora de Publicações do CEPEDAL (Editora da Revista Espaço Plural).

    • 03/2006 - 07/2010

      Outras atividades técnico-científicas , Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em História, Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em História.,Atividade realizada, Coordenação do LPPCI - Laboratório de Pesquisas Práticas Culturais e Identidades.

    • 02/2009 - 12/2009

      Ensino, História, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, História Contemporânea II

    • 03/2009 - 11/2009

      Extensão universitária , Centro de Ciências Humanas, Educação e Letras, .,Atividade de extensão realizada, II Mostra de Filmes Alemães e Ciclo de Debates Muro de Berlim: Descrição: O projeto, desenvolvido por professores dos cursos de História e Letras/Alemão, visa discutir as relações entre cinema, história e sociedade a partir de filmes alemães sobre a.

    • 03/2009 - 07/2009

      Ensino, História, Poder e Práticas Sociais, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, História e Práticas Culturais

    • 08/2008 - 12/2008

      Ensino, História, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, História Oral e Migrações

    • 08/2008 - 12/2008

      Ensino, História, Poder e Práticas Sociais, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, História e Identidades

    • 09/2008 - 10/2008

      Ensino, Especializacao em História, Nível: Especialização,Disciplinas ministradas, História e Cidade II

    • 07/2003 - 12/2007

      Ensino, História, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, História Contemporanea I

    • 03/2007 - 10/2007

      Extensão universitária , Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em História, .,Atividade de extensão realizada, Coordenação do Projeto de Extensão referente ao I Seminário Práticas Culturais e Identidades.

    • 03/2007 - 07/2007

      Ensino, História, Poder e Práticas Sociais, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, História e Práticas Culturais

    • 03/2007 - 07/2007

      Ensino, História, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Projeto de Ensino Formas de ver e viver a cidade: fotografia, patrimônio e ensino de história

    • 03/2007 - 07/2007

      Extensão universitária , Colegiado de História, .,Atividade de extensão realizada, Formas de ver e viver a cidade: fotografia, patrimônio e ensino de História. Descrição: Trata-se de um projeto que prevê a recolha, reprodução, organização e análise de fotografias de família e outras, bem como sua disponibilização como material didá.

    • 05/2005 - 04/2007

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Ciências Humanas, Educação e Letras, .,Cargo ou função, Componente do Comitê de Pareceristas (Comissões de Pesquisa e Extensão).

    • 01/2004 - 03/2007

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Ciência Humanas, Educação e Letras/Colegiado de História, .,Cargo ou função, Membro do Conselho Editorial da Revista Tempos Históricos.

    • 08/2005 - 02/2007

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Pesquisas e Documentacao da América Latina, .,Cargo ou função, parecerista AD HOC do Espaco Plural - Jornal de Ciencias Humanas, Educacao e Letras.

    • 08/2006 - 12/2006

      Ensino, História, Poder e Práticas Sociais, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, História e Identidades

    • 03/2006 - 12/2006

      Ensino, História, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, História Contemporânea I

    • 07/2004 - 08/2006

      Direção e administração, Centro de Ciências Humanas, Educação e Letras, .,Cargo ou função, Coordenadora da Área de Pesquisa do CCHEL.

    • 07/2004 - 08/2006

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Ciências Humanas, Educação e Letras, .,Cargo ou função, Membro da Comissão de Pesquisa do CCHEL (Portaria n. 2368/2004-GRE).

    • 07/2003 - 12/2005

      Estágios , Centro de Ciência Humanas, Educação e Letras/Colegiado de História, .,Estágio realizado, Supervisão de estágios - Discentes do 3o. e 4o. ano de História.

    • 04/2004 - 11/2005

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Ciências Humanas, Educação e Letras, .,Cargo ou função, Representante docente do curso de História no Conselho de Centrode Ciências Humanas, Educação e Letras (Portaria 066/2004 - CCHEL).

    • 04/2005 - 10/2005

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Reitoria, .,Cargo ou função, Membro da Comissão de Estudo e Acompanhamento e Programas de Pós-Graduação da UNIOESTE.

    • 07/2004 - 07/2005

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Ciência Humanas, Educação e Letras/Colegiado de História, Laboratório de Ensino de História.,Cargo ou função, Membro do Conselho Científico do Laboratório de Ensino de História.

    • 06/2005 - 06/2005

      Extensão universitária , Centro de Ciência Humanas, Educação e Letras/Colegiado de História, .,Atividade de extensão realizada, Colaboração no projeto de extensão "Educação patrimonial nas cidades históricas de Minas Gerais"..

    • 03/2005 - 06/2005

      Extensão universitária , Colegiado de História, .,Atividade de extensão realizada, Projeto de Ensino: Educação Patrimonial nas Cidades Históricas de Minas Gerais. Coordenador. Integrantes: Geni Rosa Duarte - Méri Frotscher..

    • 08/2004 - 12/2004

      Extensão universitária , Centro de Ciência Humanas, Educação e Letras/Colegiado de História, .,Atividade de extensão realizada, Mostra interativa: Cinema e História (Colaboradora).

    • 07/2004 - 09/2004

      Direção e administração, Centro de Ciências Humanas, Educação e Letras, .,Cargo ou função, Coordenadora da Comissão de Pesquisa do Centro de Ciências Humanas, Educação e Letras (Portaria 2368/2004-GRE).

    • 06/2004 - 07/2004

      Ensino, Especializacao em História, Nível: Especialização,Disciplinas ministradas, História da colonizacao e da imigracao

    • 05/2004 - 07/2004

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Ciências Humanas, Educação e Letras, .,Cargo ou função, Membro da Comissão de Extensão do Centro de ciências Humanas, Educação e Letras (Portaria n. 1891/2004-GRE).

    • 05/2004 - 05/2004

      Extensão universitária , Centro de Ciência Humanas, Educação e Letras/Colegiado de História, .,Atividade de extensão realizada, II Semana Acadêmica de História: o ofício do historiador na atualidade e I Mostra Cinema e História (Comissão Organizadora).

    • 11/2003 - 11/2003

      Extensão universitária , Centro de Ciência Humanas, Educação e Letras/Colegiado de História, .,Atividade de extensão realizada, VII Simpósio Interdisciplinar em História: História e Região (Comissão Organizadora).

  • 2000 - 2000

    Fundação Universidade Regional de Blumenau

    Vínculo: , Enquadramento Funcional: professora, Carga horária: 8

    Atividades

    • 02/2000 - 07/2000

      Ensino, Pedagogia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, História da Educação

    • 02/2000 - 07/2000

      Ensino, História, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, História da América II

  • 2000 - 2000

    Fundação Cultural de Blumenau

    Vínculo: Outro, Enquadramento Funcional: pesquisador, Carga horária: 10

    Outras informações:
    coordenação de pesquisa histórica sobre o integralismo no Vale do Itajaí para o projeto Anauê do cineasta Zeca Pires.

    Atividades

    • 01/2003

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Arquivo Histórico José Ferreira da Silva, .,Cargo ou função, Membro do Conselho Editorial da revista Blumenau em Cadernos.

    • 02/2003 - 07/2003

      Direção e administração, Arquivo Histórico José Ferreira da Silva, .,Cargo ou função, Chefe de Divisão - Acervos.

  • 1999 - 2000

    Serviço Autônomo Municipal de Águas e Esgotos de Blumenau

    Vínculo: Outro, Enquadramento Funcional: pesquisadora, Carga horária: 20

    Outras informações:
    Coordenação do projeto de pesquisa sobre a história do saneamento básico de Blumenau, que resultou na publicação de um livro.

    Atividades

    • 05/1999 - 04/2000

      Pesquisa e desenvolvimento , Samae, .

  • 1998 - 1999

    Fundação Educacional de Jaraguá do Sul

    Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor titular, Carga horária: 8

    Atividades

    • 03/1998 - 02/1999

      Ensino, Arquitetura, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, História I, História II

  • 1998 - 1999

    Serviço Autônomo Municipal de Terminais Rodoviários de Blumenau

    Vínculo: Outro, Enquadramento Funcional: pesquisadora, Carga horária: 20

    Outras informações:
    Coordenação de projeto de pesquisa sobre a história do transporte coletivo de Blumenau e redação de um livro sobre o assunto.

    Atividades

    • 07/1998 - 04/1999

      Pesquisa e desenvolvimento , Seterb, .

  • 2014 - 2016

    Associação Brasileira de História Oral

    Vínculo: Membro da Diretoria, Enquadramento Funcional: Vice-Presidente (Gestão 2014-2016), Carga horária: 4

    Outras informações:
    Vice-Presidente e Editora da Revista História Oral.