Maria Eduarda Tenório Oliveira

Graduada em Ciências Biológicas pela Universidade Estadual de Alagoas-UNEAL e mestranda em Ciências da Saúde - PPGCS/UFAL. Atualmente é integrante do Grupo de Pesquisa em Epilepsia Clínica e Experimental - GPECE no Laboratório de Biologia Celular e Molecular - ICBS/UFAL, onde realiza pesquisas acerca da correlação entre microbiota intestinal e o processo epileptogênico. Também é membro do Grupo de Pesquisa em Genética Humana - GPGH da Universidade Estadual de Alagoas, onde estuda a associação de polimorfismos genéticos na epilepsia.

Informações coletadas do Lattes em 25/06/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Mestrado em andamento em Ciências da Saúde

2019 - Atual

Universidade Federal de Alagoas
Título: Correlação da microbiota intestinal com o processo epileptogênico em ratos com Epilepsia do Lobo Temporal induzida por modelo de pilocarpina.,Orientador:
Daniel Leite Góes Gitaí.

Graduação em Ciências Biológicas

2013 - 2018

Universidade Estadual de Alagoas
Título: PERFIL CLÍNICO E ESTUDO DE ASSOCIAÇÃO GENÉTICA COM O POLIMORFISMO DO GENE 5-HTT EM PACIENTES COM EPILEPSIA DO LOBO TEMPORAL PROVENIENTES DO ESTADO DE ALAGOAS
Orientador: Delma Holanda de Almeida

Curso técnico/profissionalizante em Técnico em Agropecuária

2013 - 2017

Instituto Federal de Alagoas

Ensino Médio (2º grau)

2010 - 2013

escola estadual laura maria chagas de assis

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2018 - 2018

Descobrindo a etnobiologia e seu papel socio-ambiental. (Carga horária: 4h). , Universidade Estadual de Alagoas, UNEAL, Brasil.

2017 - 2017

Extração do DNA genômico a partir de sangue periférico. (Carga horária: 4h). , Universidade Estadual de Alagoas, UNEAL, Brasil.

2016 - 2016

Compostagem. (Carga horária: 4h). , Universidade Estadual de Alagoas, UNEAL, Brasil.

2016 - 2016

Programas de educação no Brasil: Mais Educação, PDDE, PNLD. (Carga horária: 8h). , Universidade Estadual de Alagoas, UNEAL, Brasil.

2016 - 2016

O uso de agrotóxicos no campo brasileiro: Uma epidemia silenciosa e violent. (Carga horária: 4h). , Universidade Estadual de Alagoas, UNEAL, Brasil.

2015 - 2015

Aplicação das técnicas de biologia molecular. (Carga horária: 5h). , Universidade Estadual de Alagoas, UNEAL, Brasil.

2015 - 2015

Diagnóstico de Enteroparasitoses. (Carga horária: 4h). , Universidade Estadual de Alagoas, UNEAL, Brasil.

2014 - 2014

Ecologia Química. (Carga horária: 30h). , Universidade Estadual de Alagoas, UNEAL, Brasil.

2013 - 2013

Avaliação de carcaça de ovinos com Ultrassom. (Carga horária: 4h). , Universidade Estadual de Alagoas, UNEAL, Brasil.

2013 - 2013

Tecnologia de fabricação de queijo tipo Quark. (Carga horária: 8h). , Instituto Federal de Alagoas, IFAL, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Pouco, Escreve Pouco.

Espanhol

Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Pouco, Escreve Pouco.

Português

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Biologia Geral.

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Genética / Subárea: Genética.

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Genética / Subárea: Biologia Molecular.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

SILVA, J. C. S. ; OLIVEIRA, M. E. T. . VI ENCCULT. 2017. (Outro).

SILVA, J. C. S. ; OLIVEIRA, M. E. T. . VI Encontro Científico e Cultural de Alagoas. 2016. (Outro).

SILVA, J. C. S. ; OLIVEIRA, M. E. T. . V Encontro Científico e Cultural de Alagoas. 2015. (Outro).

SILVA, J. C. S. ; OLIVEIRA, M. E. T. . Encontro Cientifico e Cultural de Alagoas. 2014. (Outro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

II Semana do Biólogo.II Semana do Biólogo. 2018. (Outra).

Semana do Biológo.O perfil profissional do biólogo: desafios, perspectivas e possibilidades. 2017. (Outra).

VII Encontro Científico e Cultural.VII ENCCULT. 2017. (Encontro).

I ENLCB e IV semana das Ciências Biológicas. 2016. (Encontro).

VI Encontro Científico e Cultural de Alagoas.VI ENCCULT. 2016. (Encontro).

V Encontro Científico e Cultural de Alagoas.V Encontro Científico e Cultural de Alagoas. 2015. (Encontro).

VII Conferência Municipal de Saúde. 2015. (Outra).

XV Seminário de Apicultura de Alagoas.XV Seminário de Apicultura de Alagoas. 2015. (Seminário).

I Mostra de Saúde. 2014. (Outra).

IV Encontro Cientifico e Cultural de Alagoas.IV Encontro Cientifico e Cultural de Alagoas. 2014. (Encontro).

V Encontro Nacional das Licenciaturas.V ENALIC. 2014. (Encontro).

VI Seminário Local da Integração do IET."Valores, trabalho e educação: a aprendizagem de valores na prática profissional. 2014. (Seminário).

III Encontro Cientifico e Cultural de Alagoas.III ENCCULT. 2013. (Encontro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

OLIVEIRA, M. E. T.. Avaliação de trabalhos no VII ENCCULT. 2017. Universidade Estadual de Alagoas.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Melissa Fontes Landell

Correlação do microbiota intestinal com o processo epileptogenico; Início: 2019; Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Universidade Federal de Alagoas; (Coorientador);

Dácio Rocha Brito

Levantamento das espécies arbóreas e arbustivas de interesse ornamental e zootécnico dos campi I e II da Universidade Estadual de Alagoas; 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Cièncias Biológicas) - Universidade Estadual de Alagoas; Orientador: Dacio Rocha Brito;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • ALENCAR, MAYKE BEZERRA ; RAMOS, RAFAEL ALVES ; BARBOSA, CLEANDRE ; OLIVEIRA, MARIA EDUARDA TENÓRIO ; MELO, CAMILA SANTOS . Esquistossomose mansônica: uma análise de indicadores epidemiológicos no estado de Alagoas entre os anos de 2013 e 2015. Diversitas Journal , v. 1, p. 266-274, 2017.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

OLIVEIRA, M. E. T. . Epilepsia: Aspectos clínicos, genéticos e qualidade de vida. 2018. (Minicurso).

OLIVEIRA, MARIA EDUARDA TENÓRIO . Técnicas de extração de DNA de espécies vegetais. 2018. (Minicurso).

OLIVEIRA, M. E. T. . Estratégias para alimentação animal em períodos de seca no centro comunitário do sítio Samambaia. 2013. (Dia de Campo/Assistência técnica).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2019 - Atual

    Correlação da microbiota intestinal com o processo epileptogênico em ratos com Epilepsia do Lobo Temporal induzida por modelo de lítio-pilocarpina, Descrição: Segundo a Organização Mundial de Saúde, a epilepsia é um dos transtornos neurológicos mais comuns, afetando cerca de 50 milhões de pessoas no mundo. Dentre os tipos de epilepsia existentes, a epilepsia do lobo temporal (ELT) é a mais frequente e também responsável por cerca de 30% dos casos de resistência farmacológica. Devido sua alta prevalência e gravidade, a ELT tem sido alvo de muitos estudos experimentais e clínicos, a fim de investigar as vias moleculares associadas ao processo epileptogênico. Recentemente, destacam-se estudos que correlacionam a microbiota intestinal com doenças neurológicas, inclusive a epilepsia. Os mecanismos pelos quais as bactérias presentes no trato gastrointestinal podem influenciar neste distúrbio ainda não estão claros, mas, sabe-se que a microbiota tem função importante em alguns processos neurológicos, como neurogênese, plasticidade sináptica, sinalização de neurotransmissores, neurodesenvolvimento e neuroinflamação, além do que, alguns produtos originados dessas bactérias, podem também contribuir para o processo inflamatório do cérebro, podendo envolver a progressão de um cérebro normal para um cérebro epiléptico, e ainda a regulação de neurotransmissores. Neste contexto, é de grande importância a realização de estudos a cerca dessa relação, uma vez que, bactérias específicas que compõem a microbiota intestinal, podem influenciar na piora ou melhora de doenças, tornando-as assim um potencial para novas abordagens terapêuticas. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Maria Eduarda Tenório Oliveira - Coordenador / Daniel Leite Goes Gitaí - Integrante.

  • 2017 - 2018

    Extração de DNA Genômico de Indivíduos com Epilepsia e Farmacorresistência provenientes do Estado de Alagoas, Descrição: O estudo propõe a extração de DNA genômico dos pacientes com farmacorressistência para que possa servir de base para posterior estudos moleculares contribuindo dessa forma, para o entendimento das vias moleculares associadas à patologia as quais não estão totalmente elucidadas.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (7) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (3) . , Integrantes: Maria Eduarda Tenório Oliveira - Integrante / Camila Santos Melo - Integrante / Delma Holanda de Almeida - Coordenador / Diogo Brandão - Integrante / Mateus Rocha da Silva Pereira - Integrante / Joyce da Silva Nascimento - Integrante / Jhonny Damascena de Melo - Integrante / Karina Soares de Melo - Integrante / Willian Gonçalves Batista - Integrante / Fernando Tenório Gameleira - Integrante / José Alfredo dos Santos Júnior - Integrante.

  • 2017 - 2018

    PERFIL CLÍNICO E ESTUDO DE ASSOCIAÇÃO GENÉTICA COM O POLIMORFISMO DO GENE 5-HTT EM PACIENTES COM EPILEPSIA DO LOBO TEMPORAL PROVENIENTES DO ESTADO DE ALAGOAS, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Claudimary Bispo dos Santos em 14/05/2018., Descrição: Epilepsia é um transtorno neurológico que se caracteriza pela ocorrência de episódios recorrentes de alterações comportamentais, chamados de crises epilépticas. Muitos fatores estão envolvidos no processo de epileptogênese, um deles, relacionado ao neurotransmissor 5-HTT, transportador da serotonina. A diminuição da atividade serotoninérgica e acumulo desse neurotransmissor, facilitaria o início da crise e aumentaria a gravidade da mesma. Sendo assim, esse neurotransmissor é um forte candidato a susceptibilidade do desenvolvimento de crises epiléticas. Desta forma, este trabalho tem como objeivo descrever o perfil clínico dos pacientes portadores e Epilepsia do Lobo Temporal do Estado de Alagoas e investigar a associação do polimorfismo 5-HTTVNTR do Gene 5-HTT em pacientes atendidos no ambulatório de Epilepsia do Hospital Universitário Professor Alberto Antunes em Maceió-AL.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Maria Eduarda Tenório Oliveira - Integrante / Camila Santos Melo - Integrante / Delma Holanda de Almeida - Coordenador.

  • 2017 - Atual

    Perfil Clínico e Estudo de Associação com os Polimorfismos rs11931074, rs6532194 e rs894278 do Gene Park1 em pacientes com Epilepsia e Farmacorresistência provenientes do Estado de Alagoas, Descrição: A epilepsia é uma doença Crônica, que afeta indivíduos nas mais variadas faixas etárias. Por ser uma doença caracterizada por crises epilépticas espontâneas e recorrentes e sendo estas crises devido a um distúrbio no mecanismo excitatório e inibitório do sistema nervoso central o não controle das mesmas podem resultar em déficit motor, cognitivo e psicológico e inclusive o aumento da chance de ter morte súbita. Desta forma, torna-se extremamente importante o controle das crises epilépticas para a qualidade de vida do paciente. Sendo assim, o estudo propõe investigar a associação de três polimorfismos, rs11931074, rs6532194 e rs894278 do Gene PARK1, o qual codifica a proteína -Sinucleína, e encontra-se predominantemente expressa no cérebro, pode ser encontrada no neocortéx, hipocampo, tálamo e no cerebelo e sua imunorreatividade protéica é enrriquecida em terminais pré-sinápticos. Estes polimorfismos são fortes candidatos a não respostas farmacológicas as DAEs nos pacientes com epilepsia de difícil controle, contribuindo dessa forma para o entendimento das vias moleculares associadas à patologia as quais não estão totalmente elucidadas.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (7) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (3) . , Integrantes: Maria Eduarda Tenório Oliveira - Integrante / Camila Santos Melo - Integrante / Delma Holanda de Almeida - Coordenador / Diogo Brandão - Integrante / Mateus Rocha da Silva Pereira - Integrante / Joyce da Silva Nascimento - Integrante / Jhonny Damascena de Melo - Integrante / Karina Soares de Melo - Integrante / Willian Gonçalves Batista - Integrante / Fernando Tenório Gameleira - Integrante / José Alfredo dos Santos Júnior - Integrante.

  • 2016 - 2017

    LEVANTAMENTO DAS ESPÉCIES ARBÓREO E ARBUSTIVO DE INTERESSE ORNAMENTAL E ZOOTÉCNICO DOS CAMPI I E II DA UNIVERSIDADE ESTADUAL DE ALAGOAS, Descrição: Pretende-se com este trabalho fazer o levantamento das espécies arbóreas e arbustivas dentro dos campi I e II, e assim, contribuir com a formação discente, pois, ao estudar o tipo de vegetação, será possível avaliação na qualidade ambiental da área, identificar cientificamente as espécies, formar um herbário, planejar projetos de arborização e de ocupação das áreas, avaliar o uso das plantas, entre outros, não perdendo de vista a contextualização entre teoria e prática no ensino da biologia e da zootecnia. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Maria Eduarda Tenório Oliveira - Integrante / Alicia Marques Torres - Integrante / Dácio Rocha Brito - Coordenador / Tarcísia Alves da Silva - Integrante / Jackson SIlva Cabral - Integrante.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional