Cynthia Fleming Batalha da Silveira

Bióloga,Mestre em Ecologia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2007) Possui graduação em Ciências Biológicas - UFRGS (1979)Bacharelado em Ecologia, graduação em Ciências Biológicas - UFRGS (1986)Licenciatura e Especialização em Educação Ambiental. Tem experiência na área Ambiental atuando principalmente nos seguintes temas: Produção mais Limpa ,Gestão de projetos,consultorias ambientais,produção de etanol ,Educação Ambiental.

Informações coletadas do Lattes em 06/04/2019

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Mestrado em Ecologia

2004 - 2007

Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Título: Percepção Ambiental dos Usuários da Floresta Nacional de São Francisco de Paula,RS,Ano de Obtenção: 2007
Teresinha Guerra.Palavras-chave: Educação Ambiental; floresta nacional; percepção ambiental; trilhas interpretativas; unidade de conservação.Grande área: Ciências Biológicas

Especialização em Especialização Em Educação Ambiental

2001 - 2002

UNILASALLE
Título: Tessituras da Educação Ambiental no Espaço Escolar: Um Estudo de Caso
Orientador: Arno Carlos Lehnen

Graduação em Ciências Biológicas

1985 - 1986

UFRGS

Graduação em Ciências Biológicas

1976 - 1979

UFRGS
Título: Estudo Sobre a Relação Peso e Sexo em Nothura maculosa
Orientador: João Oldair Menegheti
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

1999 - 2000

Extensão universitária. , Lund University, LU, Suécia.

1998 - 1998

Extensão universitária. , Universidade de Aveiro, AURN, Portugal.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.

Espanhol

Compreende Bem, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

SILVEIRA, CYNTHIA FLEMING BATALHA DA . 9 º Fórum Internacional de Resíduos Solidos. 2018. (Outro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

9º Forum Internacional de Residuos Solidos. 2018. (Outra).

2 Forum Brasil Coréia. 2012. (Outra).

Seminário de Reciclagem Industrial de Resíduos Sólidos. 2012. (Seminário).

4º Congresso Internacional de Inovação. 2011. (Congresso).

6 Congresso internacional de Bioenergia. AVALIAÇÃO DE ASPECTOS E IMPACTOS AMBIENTAIS EM UMA empresa produtora de etanol. 2011. (Congresso).

XIX International Symposium on Alcohol Fuels.Simulation and scenario analysis to expand the production of na ethanol cooperative in Rio Grande do Sul State, Brazil: a study considering sugarcane, sorghum and byproducts. 2011. (Simpósio).

XIX International Symposium on Alcohol Fuels.Economical Evaluation of Ethanol Production by a Family Farms Cooperative. 2011. (Simpósio).

II Congresso Internacional de Tecnologia para o Meio Ambiente. 2010. (Congresso).

Congresso Nacional de Botanica. 2006. (Congresso).

I Congresso nacional de alfabetização e educacao ambiental. Como a comunidade do enotrno percebe a floresta nacional de sao francisco de paula?. 2005. (Congresso).

III Simposio de Areas protegidas.Mapeamento e estudo da capacidade de carga turistica de trilhas da Floresta nacional de São francisco de Paula,Rio Grande do sul, Brasil.. 2005. (Simpósio).

6 Encontro nacional de Comitês de bacias Hidrográficas. 2004. (Encontro).

III Simpósio Gaucho de Educação Ambiental.III Simpósio Gaúcho de Educação Ambiental. 2004. (Simpósio).

II Simpósio Sul Brasileiro de Educação Ambiental.Carbópolis:um caminho para educação ambiental. 2003. (Simpósio).

VI Congresso de Ecologia do Brasil. 2003. (Congresso).

I Simpósio SulBrasileiro de Educação Ambiental.I Simpósio SulBrasileiro de Educação Ambiental. 2002. (Simpósio).

XVI Caretakers International Convention. 2002. (Outra).

V Congresso de Ecologia do Brasil. 2001. (Congresso).

V Simpósio de Educação Ambiental e Desenvolvimento Sustentável. 2001. (Simpósio).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

FERNANDO GERTUM BECKER

Becker, F. G.; LOUREIRO, Carlos Frederico B; MIGUEL, Lovois de Andrade. A relação entre a Floresta Nacional de São Francisco de Paula e sua população associada: uma perspectiva polissêmica.. 2006. Dissertação (Mestrado em Ecologia) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Cornelia Eckert

ECKERT, C.; GUERRA, T.. Análise de materiais impressos em educação ambiental. 2004. Dissertação (Mestrado em Ecologia) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Lovois de Andrade Miguel

MIGUEL, L. A.; BECKER, Fernando Gertum; LOUREIRO, Carlos Frederico B. A relação entre a Floresta Nacional de São Francisco de Paula e sua população associada: uma perspectiva polissêmica. 2006. Dissertação (Mestrado em Ecologia) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Carlos Frederico Bernardo Loureiro

LOUREIRO, C. F. B.. A relação entre a Floresta Nacional de São Francisco de Paula e sua população associada: uma perspectiva polissêmica. 2006. Dissertação (Mestrado em Ecologia) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Arno Carlos Lehnen

Tessituras da educação ambiental no espaço escolar: um estudo de caso; 2001; 0 f; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Educação Ambiental) - Centro Universitário La Salle; Orientador: Arno Carlos Lehnen;

GILBERTO GONCALVES RODRIGUES

A Relação entre a Floresta Nacional de São Francisco de Paula e sua População Associada: Uma Perspectiva Polissêmica; 2006; Dissertação (Mestrado em Ecologia) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul,; Coorientador: Gilberto Gonçalves Rodrigues;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • Moraes, Carlos Alberto Mendes ; KIELING, AMANDA GONÇALVES ; CALHEIRO, Daiane ; Pires, Daniel Canello ; SILVEIRA, CYNTHIA FLEMING BATALHA DA ; GARCIA, ANA CRISTINA DE ALMEIDA ; BREHM, Feliciane Andrade . ELABORAÇÃO DE PLANO DE GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS SÓLIDOS DE EMPRESAS DE FUNDIÇÃO DE FERRO FUNDIDO DE PEQUENO PORTE . Tecnologia em Metalurgia, Materiais e Mineração (Impresso) , v. 10, p. 296-302, 2013.

  • MORAES, C. A. M. ; Moraes, Carlos Alberto Mendes ; SILVEIRA, C. F. B. ; CALHEIRO, Daiane ; Pires, Daniel Canello ; BREHM, Feliciane Andrade ; Lorscheitter, G . Produção Mais Limpa numa Fundição de Pequeno Porte. FS. Fundição e Serviços , v. 21, p. 34-46, 2012.

  • Kátia Madruga ; SILVEIRA, C. F. B. . Can teenagers educate children concerning environmental issues?. Journal of cleaner Production, Alemanha, v. 11, p. 519-525, 2003.

  • SILVEIRA, C. F. B. ; João O. Menegheti . Estudo sobre a relação peso e sexo em Nothura maculosa. Iheringia. Série Zoologia (Impresso) , Porto Alegre, v. 58, p. 7-16, 1981.

  • NUNES,Suzete Schneider ; MORAES, C. A. M. ; BREHM,Feliciane Andrade ; CALHEIRO, Daiane ; SILVEIRA, C. F. B. . Impactos Ambientais Associados ao Resíduo Areia Fenólica Usada em uma Fundição.. In: 68o Congresso Internacional Anual da ABM,, 2013, Belo Horizonte. Anais do 68o Congresso Internacional Anual da ABM., 2013. v. 1. p. 3011-3021.

  • MORAES,Carlos A.M. ; PIRES,Daniel Canello ; CALHEIRO,Daiane ; ROCHA,Maria Gessica Dantas ; SANTOS,K.B ; LIMA,G.M ; SILVEIRA, C. F. B. ; LORSCHEITTER, G. . . AVALIAÇÃO DOS RESULTADOS DA IMPLEMENTAÇÃO DE UM PROGRAMA DE PRODUÇÃO MAIS LIMPA EM UMA FUNDIÇÃO: PARTE 1 - GANHOS AMBIENTAIS.. In: 67th ABM International Congress, 2012,, 2012, Rio de Janeiro.. Anais do 67th ABM International Congress, 2012,, 2012. v. 1. p. 2713-2722.

  • MORAES,Carlos A.M. ; PIRES,Daniel Canello ; CALHEIRO,Daiane ; SILVA,P.S ; FERRO, M. P. ; ROCHA,Maria Gessica Dantas ; SILVEIRA, C. F. B. ; LORSCHEITTER,Geovani . . AVALIAÇÃO DOS RESULTADOS DA IMPLEMENTAÇÃO DE UM PROGRAMA DE PRODUÇÃO MAIS LIMPA EM UMA FUNDIÇÃO: PARTE 2 - GANHOS ECONÔMICOS.. In: 67th ABM International Congress, 2012,, 2012, Rio de Janeiro.. Anais do 67th ABM International Congress, 2012,, 2012. v. v. 1.. p. 2723-2731.

  • MORAES,Carlos A.M. ; CORONET,G. ; CALHEIRO,Daiane ; SILVEIRA, C. F. B. ; LIMA,G.M ; LORSCHEITTER,Geovani ; GASPAR,Rodrigo Gripa . AVALIAÇÃO AMBIENTAL DA SUBSTITUIÇÃO DE UM FORNO ROTATIVO A ÓLEO POR UM FORNO ELÉTRICO A INDUÇ. In: 66 Congresso Internacional da ABM, 2011, São Paulo. 66 Congresso Internacional da ABM, 2011.

  • PIRES,Daniel Canello ; STOFFEL,A.S ; SILVA,P.S ; CALHEIRO,Daiane ; SILVEIRA, C. F. B. ; MORAES,Carlos A.M. ; LORSCHEITTER,Geovani . AVALIAÇÃO DE OPORTUNIDADES DE PRODUÇÃO MAIS LIMPA EM UMA FUNDIÇÃO: GANHOS AMBIENTAIS E ECONÔMICOS. In: 66 Congresso Internacional da ABM, 2011, São Paulo. 66 Congresso Internacional da ABM, 2011.

  • SCHNEIDER,Joice Brochier ; MORAES,Carlos A.M. ; SILVEIRA, C. F. B. ; VACCARO,Guilerme . AVALIAÇÃO DE ASPECTOS E IMPACTOS AMBIENTAIS EM UMA empresa produtora de etanol. In: 6º Congresso Internacional de Bioenergia, 2011, Curitiba. 6º Congresso Internacional de Bioenergia, 2011.

  • KIELING, Amanda G. ; Fernandes,Janaina Iara ; MORAES,Carlos A.M. ; SILVEIRA, C. F. B. ; VACCARO, Guilherme Luis Roehe ; Demartine,Felipe Jorge ; CABRERA., Rosângela Santos . CRITICAL ANALYSIS OF BY-PRODUCTS APPLICATIONS FROM ETHANOL PRODUCTION.. In: XIX ISAF - Innovation for Local and Global Sustainability of Alcohol Fuels, 2011, 2011, Verona. Anais do XIX ISAF, 2011., 2011.

  • SCHNEIDER,Joice Brochier ; SILVEIRA, C. F. B. ; MORAES,Carlos A.M. ; VACCARO, Guilherme Luis Roehe ; KIELING, Amanda G. . ENVIRONMENTAL ASPECT AND IMPACTS ASSESSMENT OF ETHANOL PRODUCTION CHAIN. In: XIX ISAF - Innovation for Local and Global Sustainability of Alcohol Fuels,, 2011, Verona. Anais do XIX ISAF - Innovation for Local and Global Sustainability of Alcohol Fuels, 2011.

  • SILVEIRA, C. F. B. ; SCHNEIDER,Joice Brochier ; MORAES,Carlos A.M. ; VACCARO, Guilherme Luis Roehe ; KIELING, Amanda G. . ECONOMICAL EVALUATION OF ETHANOL PRODUCTION BY A FAMILY FARMS COOPERATIVE.. In: XIX ISAF - Innovation for Local and Global Sustainability of Alcohol Fuels, 2011, 2011, Verona. Anais do XIX ISAF - Innovation for Local and Global Sustainability of Alcohol Fuels, 2011.

  • STOFFEL,A.S ; MORAES,Carlos A.M. ; SILVEIRA, C. F. B. ; SIMON,Luisa . AVALIAÇÃO AMBIENTAL DE DUAS FORMAS DE CUSTOMIZAÇÃO DE CAMISETAS PARA DIVULGAÇÃO DE PRODUÇÃO MAIS LIMPA EM UMA INDÚSTRIA. In: 26º Congresso Brasileiro de Engenharia Sanitária e Ambiental,, 2011, Porto Alegre. Anais do 26º Congresso Brasileiro de Engenharia Sanitária e Ambiental. Porto Alegre : ABES, 2011. p. 1-11., 2011.

  • VACCARO, Guilherme Luis Roehe ; Fleck,Thiago Lima ; CABRERA., Rosângela Santos ; Demartine,Felipe Jorge ; MORAES,Carlos A.M. ; SILVEIRA, C. F. B. ; KIELING, Amanda G. . SIMULATION AND SCENARIO ANALYSIS TO EXPAND THE PRODUCTION OF AN ETHANOL COOPERATIVE IN RIO GRANDE DO SUL STATE, BRAZIL: A STUDY CONSIDERING SUGARCANE, SORGHUM AND BYPRODUCTS.. In: XIX ISAF - Innovation for Local and Global Sustainability of Alcohol Fuels, 2011, 2011, Verona. Anais do XIX ISAF - Innovation for Local and Global Sustainability of Alcohol Fuels, 2011.

  • SILVEIRA, C. F. B. ; G.RODRIGUES, G. . Uma Trilha Entre a Universidade e a Escola. In: III Simpósio Gaucho de Educação Ambiental, 2004, Erechim. III Simpósio Gaucho de Educação Ambiental, 2004.

  • SILVEIRA, C. F. B. ; G.RODRIGUES, G. ; GUERRA, T. . A Coleta de Pinhão na Floresta Nacional de São Francisco de Paula,RS;Uso Potencial Sustentável. In: 57ºCongresso Nacional de Botânica, 2006, Gramado. 57º Congresso Nacional de Botânica, 2006.

  • SILVEIRA, C. F. B. . Tessituras da educação ambiental no espaço escolar: estudo de caso. In: I Simpósio Sul Brasileiro de Educação Ambiental, 2002, Erechim. Diversidade na Educação Ambiental - Olhares e Cores. Erechim: Edifapes, 2002. p. 388.

  • João O. Menegheti ; M. I. Burger Marques ; .Flávio Silva ; Marisa I. Vieira ; Helena F. Mello ; Dione S. Bretschneider ; SILVEIRA, C. F. B. ; Loretti P. de Mello . Estudo sobre a caça amoadorista no Rio Grande do Sul, Brasil. II análise dos esforços e rendimento de caça no período 1976 a 1979 em Nothura maculosa. In: La IV Reunión Argentina de Ornitología, 1980, Paraná. Annales de La IV Reunión Argentina de Ornitología. Paraná: Museu de Ciencias Naturales y antropológicas de Entre Rios, 1980. p. 14.

  • KIELING, Amanda G. ; Fernandes,Janaina Iara ; MORAES,Carlos A.M. ; SILVEIRA, C. F. B. ; VACCARO, Guilherme Luis Roehe ; Demartine,Felipe Jorge ; CABRERA., Rosângela Santos . CRITICAL ANALYSIS OF BY-PRODUCTS APPLICATIONS FROM ETHANOL PRODUCTION.. 2011. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • SCHNEIDER,Joice Brochier ; SILVEIRA, C. F. B. ; MORAES,Carlos A.M. ; VACCARO, Guilherme Luis Roehe ; KIELING, Amanda G. . ENVIRONMENTAL ASPECT AND IMPACTS ASSESSMENT OF ETHANOL PRODUCTION CHAIN. 2011. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • SILVEIRA, C. F. B. ; SCHNEIDER,Joice Brochier ; MORAES,Carlos A.M. ; VACCARO, Guilherme Luis Roehe ; KIELING, Amanda G. . ECONOMICAL EVALUATION OF ETHANOL PRODUCTION BY A FAMILY FARMS COOPERATIVE.. 2011. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • KIELING, Amanda G. ; Fernandes,Janaina Iara ; SILVEIRA, C. F. B. ; VACCARO, Guilherme Luis Roehe ; Demartine,Felipe Jorge ; CABRERA., Rosângela Santos . CRITICAL ANALYSIS OF BY-PRODUCTS APPLICATIONS FROM ETHANOL PRODUCTION. 2011. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • SILVEIRA, C. F. B. ; SCHNEIDER,Joice Brochier ; MORAES,Carlos A.M. ; VACCARO, Guilherme Luis Roehe ; KIELING, Amanda G. . Economical Evaluation of Ethanol Production by a Family Farms Cooperative. 2011. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • SCHNEIDER,Joice Brochier ; SILVEIRA, C. F. B. ; MORAES,Carlos A.M. ; VACCARO, Guilherme Luis Roehe ; KIELING, Amanda G. . Environmental aspect and impacts assessment of ethanol production chain.. 2011. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • SILVEIRA, C. F. B. ; M.C.T.MARQUES, ; GUERRA, T. . Como a comunidade do entorno percebe a Floresta nacional de São Francisco de Paula?. 2005. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • Marczwski,M ; SILVEIRA, C. F. B. ; Bonatii, J. ; Rebelato,G. ; G.RODRIGUES, G. ; Campello,F. ; GUERRA, T. ; Hartz,S.M. . Mapeamento e estudo da capacidade de carga turística de trilhas da Floresta Naciona de São Francisco de Paula,Rio Grande do Sul, Brasil.. 2005. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • BARBIERI, D. ; SILVEIRA, C. F. B. . Carbópolis:Um Caminho para Educação Ambiental. 2003. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • BARBIERI, D. ; SILVEIRA, C. F. B. . Carbópolis : Um Caminho para Educação Ambiental. Itajai: UNIVALI, 2003 (Publicação em Anais de Simpósio).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

Moraes, Carlos Alberto Mendes ; BREHM,Feliciane Andrade ; CALHEIRO, Daiane ; SILVEIRA, C. F. B. ; Fernandes,Janaina Iara . Licença Ambiental de Operação empresa PanFacil Alimentos Ltda.. 2016.

MORAES, C. A. M. ; CALHEIRO,Daiane ; SILVEIRA, C. F. B. ; Fernandes,Janaina Iara ; CARDOSO JUNIOR, R. . Plano de Gerenciamento de Residuos Sólidos Moinho Estrela Filial. 2016.

Moraes, Carlos Alberto Mendes ; GARCIA,A.C. ; SILVEIRA, CYNTHIA FLEMING BATALHA DA ; CALHEIRO, Daiane . Licença Prévia Ambiental de nova fábrica da empresa Panfacil. 2014.. 2014.

MORAES, C. A. M. ; CAETANO,Marcelo Oliveira ; CALHEIRO,Daiane ; GARCIA,A.C. ; SILVEIRA, CYNTHIA FLEMING BATALHA DA ; CARDOSO JUNIOR, R. . Licença Ambiental de Instalação de nova fábrica da empresa Panfacil.. 2014.

Moraes, Carlos Alberto Mendes ; CALHEIRO, Daiane ; SILVEIRA, C. F. B. ; SERENOTTI, F. . PGRSI PLANO DE GERENCIAMENTO DE RESIDUOS SOLIDOS INDUSTRAIS. 2012.. 2012.

MORAES,Carlos A.M. ; CALHEIRO,Daiane ; SERENOTTI, F. ; EVALDT, M. ; SILVEIRA, C. F. B. . PROJETO DE ADEQUAÇÃO DA ÁREA DE ARMAZENAMENTO TEMPORÁRIO DE RESÍDUOS SÓLIDOS CLASSE I PERIGOSO E CLASSE IIA NÃO INERTE DE ACORDO COM AS NORMAS ABNT NBR 12235:1992 E ABNT NBR 11174:1990 RESPECTIVAMENTE PARA A EMPRESA ALUMIDT METAIS LTDA.. 2012.

SERENOTTI, F. ; Moraes, Carlos Alberto Mendes ; CALHEIRO,Daiane ; EVALDT, M. ; SILVEIRA, C. F. B. . PROJETO DE IMPERMEABILIZAÇÃO DA ÁREA DE ARMAZENAMENTO TEMPORÁRIO DE RESÍDUOS SÓLIDOS CLASSE I PERIGOSO E CLASSE IIA NÃO INERTE DE ACORDO COM AS NORMAS ABNT NBR 12235:1992 E ABNT NBR 11174:1990 RESPECTIVAMENTE PARA A EMPRESA ALUMIDT METAIS LTDA.. 2012.. 2012.

CALHEIRO,Daiane ; Pires, Daniel Canello ; SILVEIRA, C. F. B. ; Moraes, Carlos Alberto Mendes . Diagnóstico Ambiental - convênio SEBRAE/UNISINOS Projeto FUNDI-RS - Empresa Gerling. 2010.. 2010.

CALHEIRO,Daiane ; Pires, Daniel Canello ; SILVEIRA, C. F. B. ; Moraes, Carlos Alberto Mendes . Diagnóstico Ambiental - convênio SEBRAE/UNISINOS Projeto FUNDI-RS - Empresa Fundição FERROCAST. 2010.. 2010.

GARCIA,A.C. ; CALHEIRO,Daiane ; Pires, Daniel Canello ; SILVEIRA, C. F. B. ; Moraes, Carlos Alberto Mendes . Diagnóstico Ambiental - convênio SEBRAE/UNISINOS Projeto FUNDI-RS - Empresa Modelação Pires. 2010.. 2010.

SILVEIRA, CYNTHIA FLEMING BATALHA DA . Membro da Comissão de avaliação dos Trabalhos Científicos do 7Seminario Cidade bem Tratada. 2018.

SILVEIRA, CYNTHIA FLEMING BATALHA DA . Membro da Comissao de Avaliação dos trabalhos Científicos do 9º Forum Internacional de Resíduos Solidos. 2018.

Moraes, Carlos Alberto Mendes ; CALHEIRO, Daiane ; SILVEIRA, CYNTHIA FLEMING BATALHA DA ; Fernandes,Janaina Iara . Elaboração de documentação necessária para obtenção de licença de operação d e a empresa Atacadão comércio de gêneros alimentícios Ltda.. 2015.

Moraes, Carlos Alberto Mendes ; CALHEIRO,Daiane ; SILVEIRA, C. F. B. . Orientação sobre segregação de residuo solido- empresa PanFacil Alimentos Ltda.. 2014.

GOMES, L. P. ; COELHO, O. G. W. ; Moraes, Carlos Alberto Mendes ; CALHEIRO,Daiane ; GARCIA,A.C. ; SILVEIRA, CYNTHIA FLEMING BATALHA DA ; NUNES,Suzete Schneider ; ROLON, A. . Estudo Ambiental para a regularização do Loteamento Jardim das Acácias no município de São Leopoldo/RS.. 2013.

PIRES,Daniel Canello ; CALHEIRO,Daiane ; SILVEIRA, C. F. B. ; MORAES,Carlos A.M. . Diagnóstico Ambiental - convênio SEBRAE/UNISINOS Projeto FUNDI-RS - Empresa Fundição FERROCAST.. 2010.

GARCIA,A.C. ; CALHEIRO,Daiane ; PIRES,Daniel Canello ; SILVEIRA, C. F. B. ; MORAES,Carlos A.M. . Diagnóstico Ambiental - convênio SEBRAE/UNISINOS Projeto FUNDI-RS - Empresa Modelação Pires. 2010.

CALHEIRO,Daiane ; PIRES,Daniel Canello ; SILVEIRA, C. F. B. ; MORAES, C. A. M. . Diagnóstico Ambiental - convênio SEBRAE/UNISINOS Projeto FUNDI-RS - Empresa Gerling.. 2010.

VACCARO, Guilherme Luis Roehe ; MORAES,Carlos A.M. ; SILVEIRA, C. F. B. ; SCHNEIDER,Joice Brochier ; KIELING, Amanda G. . . PRODUTO 5 - RELATÓRIO TÉCNICO COM ANÁLISE DOS IMPACTOS SOCIAIS, ECONÔMICOS E AMBIENTAIS. 2011. (Relatório de pesquisa).. 2011. (Relatório de pesquisa).

VACCARO, Guilherme Luis Roehe ; MORAES,Carlos A.M. ; SILVEIRA, C. F. B. ; KIELING, Amanda G. ; Demartine,Felipe Jorge ; CABRERA., Rosângela Santos ; Fleck,Thiago Lima ; Fernandes,Janaina Iara . RELATÓRIO TÉCNICO COM LEVANTAMENTO, COLETA E ANÁLISE DE DADOS TÉCNICOS, ECONÔMICOS E FINANCEIROS DAS ATIVIDADES NA FASE INDUSTRIAL DE MOAGEM E DESTILAÇÃO DE ÁLCOOL PARA A CANA-DE-AÇÚCAR E SORGO SACARINO. 2011. (Relatório de pesquisa).. 2011. (Relatório de pesquisa).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2011 - Atual

    MONITORAMENTO DO PROGRAMA DE PRODUCAO MAIS LIMPA E DE MEIO AMBIENTE DA FUNDIÇÃO LORSCHEITTER, Descrição: O projeto está dividido em três etapas, sendo: 1. Monitoramento do programa de produção mais limpa, oportunidades implementadas, indicadores ambientais e econômicos, novas oportunidades de melhoria. 2. Avaliação da qualidade da água e do solo do pátio e áreas próximas da empresa Metalúrgica Lorscheitter Ltda., através de coletas periódicas e em pontos pré determinados no período de Junho de 2011 a Maio de 2012 e, 3. Caracterização física, química e ambiental da areia verde para possível uso em asfalto ou como adição na fabricação de bloqueto de concreto para pavimentação. O enfoque à produção sustentada e voltada para alternativas ecologicamente corretas, aliadas a um mercado crescente consumidor desses produtos, nos dá a certeza que é mister aceitar o desafio da produção integrada com o meio ambiente. Neste contexto, procurar identificar, caracterizar e avaliar quantitativa e qualitativamente, os impactos ambientais num determinado ecossistema, buscando um melhor índice de eficiência dentro do Programa P+L, incorporando a variável ambiental, como forma de melhorar a produtividade, em função de um correto planejamento e uso dos recursos naturais. Uma forma de avaliar os impactos ambientais num determinado ecossistema, é através do monitoramento da qualidade da água e do solo. A metodologia empregada para este fim é a aplicação de alguns indicadores que consistem de variáveis que se correlacionam com as alterações sejam estas de origens antrópicas ou naturais. A idéia do monitoramento surgiu a partir das discussões e necessidade de se avaliar a qualidade da água do arroio que passa nos fundos da propriedade da empresa, que geograficamente pertence a Bacia Hidrográfica do Rio dos Sinos. Em relação ao reaproveitamento da areia verde em asfalto será realizada uma caracterização ambiental desta areia com o intuito de classificá-la ambientalmente e ensaios físicos e químicos para ver viabilidade do uso. .. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

  • 2010 - 2011

    Estudo sobre Produção de Etanol em Indústria de Pequena Escala a Partir de Sistema Integrado de Produção, em Regime Associativo, para a Agricultura Familiar, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (3) . , Integrantes: Cynthia Fleming Batalha da Silveira - Integrante / carlos alberto mendes moraes - Coordenador / Guillerme Vaccaro - Integrante.Financiador(es): Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Sul - Bolsa.

  • 2010 - Atual

    CICLO DA BIOMASSA CASCA DE ARROZ: APROVEITAMENTO ENERGÉTICO, VALORIZAÇÃO DE COPRODUTOS E REMEDIAÇÃO DE PASSIVOS AMBIENTAIS, Descrição: O objetivo geral do projeto é a partir da viabilização deste núcleo de pesquisa (UNISINOS E UFRGS NucMat e, LASID e LEAMET), a construção de uma complementaridade entre os pesquisadores no sentido de buscar alternativas viáveis técnica, econômica e ambiental em todo o ciclo de geração da biomassa casca de arroz de forma que os coprodutos originados neste ciclo tenham alto valor agregado, além de reduzido impacto ambiental. Como objetivos específicos tem-se: - Avaliar e otimizar processos de combustão de casca de arroz; - Caracterizar casca de arroz e cinza de casca de arroz; - Estudar a cinza de casca de arroz como adsorvente na remoção de hidrocarbonetos; - Estudar a cinza de casca de arroz após saturada com hidrocarboneto, como co-produto para construção civil, buscando também seu encapsulamento. - Utilizar a ferramenta análise de ciclo de vida para avaliar os aspectos ambientais associados ao ciclo da casca de arroz, e as melhores rotas ambientalmente favoráveis, com quantificação de volumes de produção e investimentos e análise de viabilidade técnica e econômica a partir do ciclo da casca de arroz, porém com foco nas rotas para os coprodutos a partir da geração da cinza. Ainda, como objetivos científicos e tecnológicos tem-se: - Promover a transferência de soluções tecnológicas para a valorização da cadeia de biomassa casca de arroz no Estado. - Promover uma maior aproximação entre as Universidades e empresas interessadas. - Desenvolver dissertações de mestrados e teses de doutorado que contribuam para o desenvolvimento regional sustentável. - Aumentar a produção científica através de publicações nacionais e internacionais. - Desenvolver propriedade intelectual com reais possibilidades de comercialização de forma sustentável para a cadeia. .. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de desenvolvimento

  • 2009 - Atual

    Desenvolvimento tecnológico para regeneração combinada mecânico-térmico de areias fenólicas de fundição, Descrição: As indústrias metalúrgicas instaladas no Brasil produzem anualmente dois milhões de toneladas areia de fundição descartadas depois de utilizadas na moldagem de peças metálicas, geralmente contaminadas por fenol, produto químico orgânico encontrado em resinas, utilizado para conferir resistência ao molde de areia. A gestão ambiental deste resíduo deve ser avaliada do ponto de vista de minimização (produção mais limpa), adequação através de correta segregação do resíduo ainda gerado para propiciar sua reciclagem interna (desenvolvimento de processo de regeneração), e reciclagem externa como co-produto do excedente de resíduos após regeneração. A regeneração de areias de fundição descartadas é uma técnica que possibilita a remoção de cerca de 90% do material poluente (resinas e ligantes), e permite a reutilização da areia regenerada em processos de moldagem que exigem areia limpa. Este projeto tem como objetivo global promover a reciclagem interna de excedentes de areia verde e areia fenólica, utilizadas no processo de fundição de ferro fundido da LORSCH, tratadas pelo processo de regeneração. Os objetivos específicos deste projeto, são: (i) Implementação do programa de produção mais limpa para identificar, minimizar a geração de resíduos sólidos, qualificar a partir de adequada segregação a areia usada a ser regenerada. (ii) Desenvolver um processo de regeneração combinada mecânico-térmicomecânico de areias fenólicas, auto-sustentável, com aproveitamento do calor dos gases de exaustão de forno rotativos para obtenção da temperatura de calcinação da areia e com reaproveitamento de água gerada no processo de regeneração no circuito de resfriamento do forno. (iii) Desenvolvimento tecnológico de um equipamento Protótipo e a produção de um equipamento industrial para a regeneração mecânica de areias verdes e a regeneração combinada mecânica e térmica de areias fenólicas. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (6) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Cynthia Fleming Batalha da Silveira - Integrante / carlos alberto mendes moraes - Integrante / Amanda Gonçalves Kieling - Integrante / Francisco de Oliveira Neto - Integrante / Feliciane Andrade Brehm - Integrante / Geovani Lorscheitter - Coordenador / Luisa Simon - Integrante / Daniel Canello Pires - Integrante / karine Bastos dos Santos - Integrante / Aline Scheid Stoffel - Integrante / Gabriela Malgarin de Lima - Integrante / Lucas de Souza Machado - Integrante / Wagnner dos Passos da Silva - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Indústria Metalúrgica Lorscheitter - Auxílio financeiro / Universidade do Vale do Rio dos Sinos - Cooperação.

  • 2009 - Atual

    Desenvolvimento tecnológico para regeneração combinada mecânico-térmico de areias fenólicas de fundição, Descrição: As indústrias metalúrgicas instaladas no Brasil produzem anualmente dois milhões de toneladas areia de fundição descartadas depois de utilizadas na moldagem de peças metálicas, geralmente contaminadas por fenol, produto químico orgânico encontrado em resinas, utilizado para conferir resistência ao molde de areia. A gestão ambiental deste resíduo deve ser avaliada do ponto de vista de minimização (produção mais limpa), adequação através de correta segregação do resíduo ainda gerado para propiciar sua reciclagem interna (desenvolvimento de processo de regeneração), e reciclagem externa como co-produto do excedente de resíduos após regeneração. A regeneração de areias de fundição descartadas é uma técnica que possibilita a remoção de cerca de 90% do material poluente (resinas e ligantes), e permite a reutilização da areia regenerada em processos de moldagem que exigem areia limpa. Este projeto tem como objetivo global promover a reciclagem interna de excedentes de areia verde e areia fenólica, utilizadas no processo de fundição de ferro fundido da LORSCH, tratadas pelo processo de regeneração. Os objetivos específicos deste projeto, são: (i) Implementação do programa de produção mais limpa para identificar, minimizar a geração de resíduos sólidos, qualificar a partir de adequada segregação a areia usada a ser regenerada. (ii) Desenvolver um processo de regeneração combinada mecânico-térmicomecânico de areias fenólicas, auto-sustentável, com aproveitamento do calor dos gases de exaustão de forno rotativos para obtenção da temperatura de calcinação da areia e com reaproveitamento de água gerada no processo de regeneração no circuito de resfriamento do forno. (iii) Desenvolvimento tecnológico de um equipamento Protótipo e a produção de um equipamento industrial para a regeneração mecânica de areias verdes e a regeneração combinada mecânica e térmica de areias fenólicas. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (6) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Cynthia Fleming Batalha da Silveira - Integrante / carlos alberto mendes moraes - Integrante / Amanda Gonçalves Kieling - Integrante / Francisco de Oliveira Neto - Integrante / Feliciane Andrade Brehm - Integrante / Geovani Lorscheitter - Coordenador / Luisa Simon - Integrante / Daniel Canello Pires - Integrante / karine Bastos dos Santos - Integrante / Aline Scheid Stoffel - Integrante / Gabriela Malgarin de Lima - Integrante / Lucas de Souza Machado - Integrante / Wagnner dos Passos da Silva - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Indústria Metalúrgica Lorscheitter - Auxílio financeiro / Universidade do Vale do Rio dos Sinos - Cooperação.

  • 2009 - Atual

    Desenvolvimento tecnológico para regeneração combinada mecânico-térmico de areias fenólicas de fundição, Descrição: As indústrias metalúrgicas instaladas no Brasil produzem anualmente dois milhões de toneladas areia de fundição descartadas depois de utilizadas na moldagem de peças metálicas, geralmente contaminadas por fenol, produto químico orgânico encontrado em resinas, utilizado para conferir resistência ao molde de areia. A gestão ambiental deste resíduo deve ser avaliada do ponto de vista de minimização (produção mais limpa), adequação através de correta segregação do resíduo ainda gerado para propiciar sua reciclagem interna (desenvolvimento de processo de regeneração), e reciclagem externa como co-produto do excedente de resíduos após regeneração. A regeneração de areias de fundição descartadas é uma técnica que possibilita a remoção de cerca de 90% do material poluente (resinas e ligantes), e permite a reutilização da areia regenerada em processos de moldagem que exigem areia limpa. Este projeto tem como objetivo global promover a reciclagem interna de excedentes de areia verde e areia fenólica, utilizadas no processo de fundição de ferro fundido da LORSCH, tratadas pelo processo de regeneração. Os objetivos específicos deste projeto, são: (i) Implementação do programa de produção mais limpa para identificar, minimizar a geração de resíduos sólidos, qualificar a partir de adequada segregação a areia usada a ser regenerada. (ii) Desenvolver um processo de regeneração combinada mecânico-térmicomecânico de areias fenólicas, auto-sustentável, com aproveitamento do calor dos gases de exaustão de forno rotativos para obtenção da temperatura de calcinação da areia e com reaproveitamento de água gerada no processo de regeneração no circuito de resfriamento do forno. (iii) Desenvolvimento tecnológico de um equipamento Protótipo e a produção de um equipamento industrial para a regeneração mecânica de areias verdes e a regeneração combinada mecânica e térmica de areias fenólicas. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (6) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Cynthia Fleming Batalha da Silveira - Integrante / carlos alberto mendes moraes - Integrante / Amanda Gonçalves Kieling - Integrante / Francisco de Oliveira Neto - Integrante / Feliciane Andrade Brehm - Integrante / Geovani Lorscheitter - Coordenador / Luisa Simon - Integrante / Daniel Canello Pires - Integrante / karine Bastos dos Santos - Integrante / Aline Scheid Stoffel - Integrante / Gabriela Malgarin de Lima - Integrante / Lucas de Souza Machado - Integrante / Wagnner dos Passos da Silva - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Indústria Metalúrgica Lorscheitter - Auxílio financeiro / Universidade do Vale do Rio dos Sinos - Cooperação.

  • 2009 - Atual

    Desenvolvimento tecnológico para regeneração combinada mecânico-térmico de areias fenólicas de fundição, Descrição: As indústrias metalúrgicas instaladas no Brasil produzem anualmente dois milhões de toneladas areia de fundição descartadas depois de utilizadas na moldagem de peças metálicas, geralmente contaminadas por fenol, produto químico orgânico encontrado em resinas, utilizado para conferir resistência ao molde de areia. A gestão ambiental deste resíduo deve ser avaliada do ponto de vista de minimização (produção mais limpa), adequação através de correta segregação do resíduo ainda gerado para propiciar sua reciclagem interna (desenvolvimento de processo de regeneração), e reciclagem externa como co-produto do excedente de resíduos após regeneração. A regeneração de areias de fundição descartadas é uma técnica que possibilita a remoção de cerca de 90% do material poluente (resinas e ligantes), e permite a reutilização da areia regenerada em processos de moldagem que exigem areia limpa. Este projeto tem como objetivo global promover a reciclagem interna de excedentes de areia verde e areia fenólica, utilizadas no processo de fundição de ferro fundido da LORSCH, tratadas pelo processo de regeneração. Os objetivos específicos deste projeto, são: (i) Implementação do programa de produção mais limpa para identificar, minimizar a geração de resíduos sólidos, qualificar a partir de adequada segregação a areia usada a ser regenerada. (ii) Desenvolver um processo de regeneração combinada mecânico-térmicomecânico de areias fenólicas, auto-sustentável, com aproveitamento do calor dos gases de exaustão de forno rotativos para obtenção da temperatura de calcinação da areia e com reaproveitamento de água gerada no processo de regeneração no circuito de resfriamento do forno. (iii) Desenvolvimento tecnológico de um equipamento Protótipo e a produção de um equipamento industrial para a regeneração mecânica de areias verdes e a regeneração combinada mecânica e térmica de areias fenólicas. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (6) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Cynthia Fleming Batalha da Silveira - Integrante / carlos alberto mendes moraes - Integrante / Amanda Gonçalves Kieling - Integrante / Francisco de Oliveira Neto - Integrante / Feliciane Andrade Brehm - Integrante / Geovani Lorscheitter - Coordenador / Luisa Simon - Integrante / Daniel Canello Pires - Integrante / karine Bastos dos Santos - Integrante / Aline Scheid Stoffel - Integrante / Gabriela Malgarin de Lima - Integrante / Lucas de Souza Machado - Integrante / Wagnner dos Passos da Silva - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Indústria Metalúrgica Lorscheitter - Auxílio financeiro / Universidade do Vale do Rio dos Sinos - Cooperação.

  • 2009 - Atual

    Desenvolvimento tecnológico para regeneração combinada mecânico-térmico de areias fenólicas de fundição, Descrição: As indústrias metalúrgicas instaladas no Brasil produzem anualmente dois milhões de toneladas areia de fundição descartadas depois de utilizadas na moldagem de peças metálicas, geralmente contaminadas por fenol, produto químico orgânico encontrado em resinas, utilizado para conferir resistência ao molde de areia. A gestão ambiental deste resíduo deve ser avaliada do ponto de vista de minimização (produção mais limpa), adequação através de correta segregação do resíduo ainda gerado para propiciar sua reciclagem interna (desenvolvimento de processo de regeneração), e reciclagem externa como co-produto do excedente de resíduos após regeneração. A regeneração de areias de fundição descartadas é uma técnica que possibilita a remoção de cerca de 90% do material poluente (resinas e ligantes), e permite a reutilização da areia regenerada em processos de moldagem que exigem areia limpa. Este projeto tem como objetivo global promover a reciclagem interna de excedentes de areia verde e areia fenólica, utilizadas no processo de fundição de ferro fundido da LORSCH, tratadas pelo processo de regeneração. Os objetivos específicos deste projeto, são: (i) Implementação do programa de produção mais limpa para identificar, minimizar a geração de resíduos sólidos, qualificar a partir de adequada segregação a areia usada a ser regenerada. (ii) Desenvolver um processo de regeneração combinada mecânico-térmicomecânico de areias fenólicas, auto-sustentável, com aproveitamento do calor dos gases de exaustão de forno rotativos para obtenção da temperatura de calcinação da areia e com reaproveitamento de água gerada no processo de regeneração no circuito de resfriamento do forno. (iii) Desenvolvimento tecnológico de um equipamento Protótipo e a produção de um equipamento industrial para a regeneração mecânica de areias verdes e a regeneração combinada mecânica e térmica de areias fenólicas. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (6) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Cynthia Fleming Batalha da Silveira - Integrante / carlos alberto mendes moraes - Integrante / Amanda Gonçalves Kieling - Integrante / Francisco de Oliveira Neto - Integrante / Feliciane Andrade Brehm - Integrante / Geovani Lorscheitter - Coordenador / Luisa Simon - Integrante / Daniel Canello Pires - Integrante / karine Bastos dos Santos - Integrante / Aline Scheid Stoffel - Integrante / Gabriela Malgarin de Lima - Integrante / Lucas de Souza Machado - Integrante / Wagnner dos Passos da Silva - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Universidade do Vale do Rio dos Sinos - Cooperação / Indústria Metalúrgica Lorscheitter - Auxílio financeiro.

  • 2009 - Atual

    Desenvolvimento tecnológico para regeneração combinada mecânico-térmico de areias fenólicas de fundição, Descrição: As indústrias metalúrgicas instaladas no Brasil produzem anualmente dois milhões de toneladas areia de fundição descartadas depois de utilizadas na moldagem de peças metálicas, geralmente contaminadas por fenol, produto químico orgânico encontrado em resinas, utilizado para conferir resistência ao molde de areia. A gestão ambiental deste resíduo deve ser avaliada do ponto de vista de minimização (produção mais limpa), adequação através de correta segregação do resíduo ainda gerado para propiciar sua reciclagem interna (desenvolvimento de processo de regeneração), e reciclagem externa como co-produto do excedente de resíduos após regeneração. A regeneração de areias de fundição descartadas é uma técnica que possibilita a remoção de cerca de 90% do material poluente (resinas e ligantes), e permite a reutilização da areia regenerada em processos de moldagem que exigem areia limpa. Este projeto tem como objetivo global promover a reciclagem interna de excedentes de areia verde e areia fenólica, utilizadas no processo de fundição de ferro fundido da LORSCH, tratadas pelo processo de regeneração. Os objetivos específicos deste projeto, são: (i) Implementação do programa de produção mais limpa para identificar, minimizar a geração de resíduos sólidos, qualificar a partir de adequada segregação a areia usada a ser regenerada. (ii) Desenvolver um processo de regeneração combinada mecânico-térmicomecânico de areias fenólicas, auto-sustentável, com aproveitamento do calor dos gases de exaustão de forno rotativos para obtenção da temperatura de calcinação da areia e com reaproveitamento de água gerada no processo de regeneração no circuito de resfriamento do forno. (iii) Desenvolvimento tecnológico de um equipamento Protótipo e a produção de um equipamento industrial para a regeneração mecânica de areias verdes e a regeneração combinada mecânica e térmica de areias fenólicas. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (6) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Cynthia Fleming Batalha da Silveira - Integrante / carlos alberto mendes moraes - Integrante / Amanda Gonçalves Kieling - Integrante / Francisco de Oliveira Neto - Integrante / Feliciane Andrade Brehm - Integrante / Geovani Lorscheitter - Coordenador / Luisa Simon - Integrante / Daniel Canello Pires - Integrante / karine Bastos dos Santos - Integrante / Aline Scheid Stoffel - Integrante / Gabriela Malgarin de Lima - Integrante / Lucas de Souza Machado - Integrante / Wagnner dos Passos da Silva - Integrante., Financiador(es): Indústria Metalúrgica Lorscheitter - Auxílio financeiro / Universidade do Vale do Rio dos Sinos - Cooperação / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2009 - Atual

    Desenvolvimento tecnológico para regeneração combinada mecânico-térmico de areias fenólicas de fundição, Descrição: As indústrias metalúrgicas instaladas no Brasil produzem anualmente dois milhões de toneladas areia de fundição descartadas depois de utilizadas na moldagem de peças metálicas, geralmente contaminadas por fenol, produto químico orgânico encontrado em resinas, utilizado para conferir resistência ao molde de areia. A gestão ambiental deste resíduo deve ser avaliada do ponto de vista de minimização (produção mais limpa), adequação através de correta segregação do resíduo ainda gerado para propiciar sua reciclagem interna (desenvolvimento de processo de regeneração), e reciclagem externa como co-produto do excedente de resíduos após regeneração. A regeneração de areias de fundição descartadas é uma técnica que possibilita a remoção de cerca de 90% do material poluente (resinas e ligantes), e permite a reutilização da areia regenerada em processos de moldagem que exigem areia limpa. Este projeto tem como objetivo global promover a reciclagem interna de excedentes de areia verde e areia fenólica, utilizadas no processo de fundição de ferro fundido da LORSCH, tratadas pelo processo de regeneração. Os objetivos específicos deste projeto, são: (i) Implementação do programa de produção mais limpa para identificar, minimizar a geração de resíduos sólidos, qualificar a partir de adequada segregação a areia usada a ser regenerada. (ii) Desenvolver um processo de regeneração combinada mecânico-térmicomecânico de areias fenólicas, auto-sustentável, com aproveitamento do calor dos gases de exaustão de forno rotativos para obtenção da temperatura de calcinação da areia e com reaproveitamento de água gerada no processo de regeneração no circuito de resfriamento do forno. (iii) Desenvolvimento tecnológico de um equipamento Protótipo e a produção de um equipamento industrial para a regeneração mecânica de areias verdes e a regeneração combinada mecânica e térmica de areias fenólicas. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (6) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Cynthia Fleming Batalha da Silveira - Integrante / carlos alberto mendes moraes - Integrante / Amanda Gonçalves Kieling - Integrante / Francisco de Oliveira Neto - Integrante / Feliciane Andrade Brehm - Integrante / Geovani Lorscheitter - Coordenador / Luisa Simon - Integrante / Daniel Canello Pires - Integrante / karine Bastos dos Santos - Integrante / Aline Scheid Stoffel - Integrante / Gabriela Malgarin de Lima - Integrante / Lucas de Souza Machado - Integrante / Wagnner dos Passos da Silva - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Universidade do Vale do Rio dos Sinos - Cooperação / Indústria Metalúrgica Lorscheitter - Auxílio financeiro.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2010 - 2011

    Universidade do Vale do Rio dos Sinos

    Vínculo: bolsista, Enquadramento Funcional: bolsista, Carga horária: 30

  • 1980 - 1980

    Fundação Zoobotânica do Rio Grande do Sul

    Vínculo: Empregada, Enquadramento Funcional: Auxiliar de Projeto, Carga horária: 40

  • 1978 - 1978

    Fundação Zoobotânica do Rio Grande do Sul

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Auxiliar de Pesquisa, Carga horária: 20

    Atividades

    • 01/1980 - 09/1980

      Pesquisa e desenvolvimento .,Linhas de pesquisa

    • 01/1978 - 03/1978

      Estágios .,Estágio realizado, Auxiliar de pesquisa do Projeto Polo Petroquímico.

  • 1997 - 2007

    Centro de Ensino Médio Pastor Dohms

    Vínculo: funcionária, Enquadramento Funcional: professor, Carga horária: 22

    Atividades

    • 03/1997

      Ensino,,Disciplinas ministradas, Biologia, Ciências

    • 03/1997

      Outras atividades técnico-científicas .,Atividade realizada, Coordenação de Laboratório de Biologia.

  • 1981 - 1986

    Colegio Anchieta

    Vínculo: funcionária, Enquadramento Funcional: Professora, Carga horária: 32

    Atividades

    • 03/1981 - 12/1986

      Ensino,,Disciplinas ministradas, Ciências

  • 1994 - 1997

    Escola de 1º E 2º Graus José Cesar de Mesquita

    Vínculo: funcionária, Enquadramento Funcional: Professora, Carga horária: 20

    Atividades

    • 06/1994 - 12/1996

      Ensino,,Disciplinas ministradas, Biologia

    • 06/1994 - 12/1996

      Outras atividades técnico-científicas .,Atividade realizada, Coordenação da Área de Ciências.

  • 1987 - 1993

    Instituto Educacional João XXIII

    Vínculo: funcionária, Enquadramento Funcional: Professora, Carga horária: 40

    Atividades

    • 03/1987 - 12/1993

      Ensino,,Disciplinas ministradas, Biologia

    • 03/1987 - 12/1993

      Outras atividades técnico-científicas .,Atividade realizada, Coordenação da área de Ciências.