Bianca Cruz Pachane

Mestranda pelo Programa de Pós-Graduação em Genética Evolutiva e Biologia Molecular (PPGGEv) da Universidade Federal de São Carlos. Bacharel em Ciências Biológicas pela Universidade Federal de São Carlos, com período sanduíche cursado na University of Sheffield (Inglaterra) pelo programa Ciência sem Fronteiras (2014-2015). Tem experiência na área de Bioquímica e Biologia Molecular, com foco em bioquímica adaptativa, expressão e purificação de proteínas recombinantes e estudo do câncer, particularmente sobre angiogênese tumoral e estudo de vesículas extracelulares.

Informações coletadas do Lattes em 25/06/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Mestrado em andamento em Genética e Evolução

2019 - Atual

Universidade Federal de São Carlos
Orientador:Prof. Dra. Heloisa Sobreiro Selistre de Araujo.

Graduação em Ciências Biológicas

2013 - 2018

Universidade Federal de São Carlos
Título: Caracterização de metaloproteinases (MMP-2 e MMP-9) em exossomos isolados e purificados de células tumorais de mama
Orientador: Prof. Dra. Heloisa Sobreiro Selistre de Araujo
com Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.

Ensino Médio (2º grau)

2009 - 2011

Colégio Piracicabano

Ensino Fundamental (1º grau)

2003 - 2008

Colégio Piracicabano

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2019 - 2019

Test of English as a Foreign Language - Internet-based Test (Score: 109). , Educational Testing Service, ETS, Estados Unidos.

2018 - 2018

Extensão universitária em Genoma, Proteoma e Universo Celular. (Carga horária: 80h). , Universidade de São Paulo, USP, Brasil.

2018 - 2018

Test of English as a Foreign Language - Institutional Testing Program (C1). , Educational Testing Service, ETS, Estados Unidos.

2016 - 2016

Extensão universitária em Psicobiologia. (Carga horária: 80h). , Universidade de São Paulo, USP, Brasil.

2015 - 2015

Extensão universitária em ACIEPE: Ciência Gourmet - Ciência e Culinária nas Telas. (Carga horária: 40h). , Universidade Federal de São Carlos, UFSCAR, Brasil.

2013 - 2013

Extensão universitária em ACIEPE: Genética Médica. (Carga horária: 40h). , Universidade Federal de São Carlos, UFSCAR, Brasil.

2013 - 2013

Princípios de Genética Médica. (Carga horária: 8h). , Universidade Federal de São Carlos, UFSCAR, Brasil.

2013 - 2013

Test of English as a Foreign Language - Internet-based Test (Score: 99). , Educational Testing Service, ETS, Estados Unidos.

2013 - 2013

Análise Forense de DNA. (Carga horária: 8h). , Renova Cursos e Eventos LTDA, RCE LTDA, Brasil.

2009 - 2009

Certificate of Advanced English (CAE) - C2. , Cambridge Assessment English, CAE, Inglaterra.

2008 - 2008

English as a Second Language - Advanced I Level 9. (Carga horária: 60h). , Hansa Language Centre, HLC, Canadá.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Bandeira representando o idioma Inglês

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Bandeira representando o idioma Espanhol

Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Pouco, Escreve Pouco.

Bandeira representando o idioma Português

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Bandeira representando o idioma Alemão

Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Pouco, Escreve Pouco.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Bioquímica / Subárea: Biologia Molecular.

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Bioquímica / Subárea: Química de Macromoléculas/Especialidade: Proteínas.

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Morfologia / Subárea: Citologia e Biologia Celular.

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Bioquímica / Subárea: Cancer and Cell Biology.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

PACHANE, BIANCA C. ; ROBELDO, T. A. . Casa Aberta PPGGEv. 2019. (Outro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

ISEV Workshop: Extracellular Vesicles in Immunology.Role of extracellular vesicle gelatinase in breast cancer invasion in hypoxia. 2020. (Encontro).

3a Escola de Pesquisadores do Campus USP de São Carlos. 2019. (Outra).

I Workshop da Pós-Graduação em Genética Evolutiva e Biologia Molecular da Universidade Federal de São Carlos.Role of extracellular vesicle gelatinases in tumour cell invasion in normoxia and hypoxia. 2019. (Encontro).

XXVI Congresso de Iniciação Científica e XI Congresso de Iniciação em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação. Caracterização de metaloproteinases (MMPs) em exossomos de células tumorais de mama. 2019. (Congresso).

XIX Congress of the Brazilian Society for Cell Biology. Blockage of integrin v3 impairs VEGF signalling. 2018. (Congresso).

XVIII Curso de Verão: Genoma, Proteoma e Universo Celular. Alterations on the angiogenic mechanism by disintegrin DisBa-01. 2018. (Exposição).

XXV Congresso de Iniciação Científica. Efeito de desintegrina recombinante de Bothrops alternatus, DisBa-01, nos mecanismos de ação angiogênicos em células endoteliais vasculares. 2018. (Congresso).

Curso de Extensão Universitária na modalidade de Difusão: Curso de Verão em Psicobiologia.Atividades desenvolvidas no EBAC (Laboratório de Etologia e Bioacústica). 2016. (Outra).

VIII Semana Acadêmica de Biologia da UFSCar.Ilustração Científica. 2013. (Oficina).

VIII Semana Acadêmica de Biologia da UFSCar. 2013. (Encontro).

IV Encontro de Iniciação Científica do Ensino Médio.Laboratório Aberto "Química para um mundo melhor". 2011. (Oficina).

IV Encontro de Iniciação Científica do Ensino Médio.Uso de medicamentos feitos a partir de plantas medicinais. 2011. (Encontro).

XV JOINCI - Jornada de Iniciação Científica do Colégio Piracicabano.Uso de medicamentos feitos a partir de plantas medicinais. 2009. (Outra).

Olimpíada Paulista de Matemática. Finalista. 2007. (Olimpíada).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Ana Carolina Baptista Moreno Martin

MARTIN, ANA CAROLINA BAPTISTA MORENO; SELISTRE-DE-ARAUJO, H.; MICOCCI, K. C.; Altei, W.. Caracterização de metaloproteinases (MMP-2 e MMP-9) em exossomos isolados e purificados de células tumorais de mama. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de São Carlos.

Wanessa Fernanda Altei

ALTEI, WANESSACOMINETTI, MÁRCIA R.; ARAUJO, H. S. S.; MARTIN, A. C. B. M.. Caracterização de metaloproteinases (MMPs) em exossomos de células tumorais de mama. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de São Carlos.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Taís Marolato Danilucci

Alterações no mecanismo angiogênico promovidas pela desintegrina DisBa-01; Início: 2017; Iniciação científica (Graduando em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de São Carlos, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; (Orientador);

Wanessa Fernanda Altei

O papel das gelatinases de vesículas extracelularesna invasão de células tumorais em normóxia e hipóxia; Início: 2019; Dissertação (Mestrado profissional em Programa de Pós Graduação em Genética Evolutiva e Biologia Molecular) - Universidade Federal de São Carlos; (Coorientador);

Wanessa Fernanda Altei

Caracterização de metaloproteinases (MMPs) em exossomos de células tumorais de mama; 2018; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de São Carlos; Orientador: Wanessa Fernanda Altei;

Heloisa Sobreiro Selistre de Araujo

Atividade de MMPs em exosomos de células de tumor de mama; Início: 2019; Dissertação (Mestrado em Genética e Evolução) - Universidade Federal de São Carlos, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; (Orientador);

Heloisa Sobreiro Selistre de Araujo

EFEITOS DE UMA DESINTEGRINA RECOMBINANTE DE Bothrops alternatus, DisBa-01, NOS MECANISMOS DE AÇÃO ANGIOGÊNICOS DE CÉLULAS ENDOTELIAIS VASCULARES; 2018; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de São Carlos, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Heloisa Sobreiro Selistre de Araujo;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • DOS SANTOS, PATTY K. ; ALTEI, WANESSA F. ; DANILUCCI, TAÍS M. ; LINO, RAFAEL L.B. ; PACHANE, BIANCA C. ; NUNES, ANA C.C. ; SELISTRE-DE-ARAUJO, HELOISA S. . Alternagin-C (ALT-C), a disintegrin-like protein, attenuates alpha2beta1 integrin and VEGF receptor 2 signaling resulting in angiogenesis inhibition. BIOCHIMIE , v. 174, p. 144-158, 2020.

  • DANILUCCI, TAÍS M. ; SANTOS, PATTY K. ; PACHANE, BIANCA C. ; PISANI, GRAZIÉLE F. D. ; LINO, RAFAEL L. B. ; CASALI, BRUNA C. ; ALTEI, WANESSA F. ; SELISTRE-DE-ARAUJO, HELOISA S. . Recombinant RGD-disintegrin DisBa-01 blocks integrin v3 and impairs VEGF signaling in endothelial cells. Cell Communication and Signaling , v. 17, p. 27, 2019.

  • MONTENEGRO, CYNTIA F. ; CASALI, BRUNA C. ; LINO, RAFAEL L. B. ; PACHANE, BIANCA C. ; SANTOS, PATTY K. ; HORWITZ, ALAN R. ; SELISTRE-DE-ARAUJO, HELOISA S. ; LAMERS, MARCELO L. . Inhibition of v3 integrin induces loss of cell directionality of oral squamous carcinoma cells (OSCC). PLoS One , v. 12, p. e0176226-14, 2017.

  • PACHANE, BIANCA C. ; SOUZA, Y. B. ; SANCHES, P. V. W. . Serpentes e medicina: quando as peçonhas salvam vidas. Temas Atuais em Biologia , v. 4, p. 1, 2016.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

PACHANE, B. C. . Matriz Extracelular no Envelhecimento, no Exercício e no Câncer. 2019; Tema: Administradora. (Site).

PACHANE, B. C. . Matriz Extracelular no Envelhecimento, no Exercício e no Câncer. 2018; Tema: Administradora. (Site).

PACHANE, B. C. . Matriz Extracelular no Envelhecimento, no Exercício e no Câncer. 2017; Tema: Administradora. (Site).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2019 - Atual

    O papel de gelatinases de vesículas extracelulares na invasão de células tumorais em normóxia e hipóxia, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Heloisa Sobreiro Selistre de Araujo em 22/03/2019., Descrição: O câncer de mama é a principal causa de mortalidade em mulheres brasileiras, especialmente em decorrência da metástase. Nesse processo, células tumorais perdem adesão ao tecido, adquirem fenótipo mesenquimal e invadem tecidos adjacentes ou migram para sítios distantes. A invasão celular é dependente da interação entre receptores de adesão e componentes da matriz extracelular (MEC), a qual é constantemente remodelada pelas células do tecido. As MMPs são enzimas de processamento da MEC com alta expressão na carcinogênese, especialmente a classe das gelatinases (MMP-2 e MMP-9), que atua na degradação da lâmina basal e promove o início da invasão celular. MMPs podem ser secretadas em vesículas extracelulares (EVs), estruturas de comunicação intercelular com papel relevante na progressão metastática. Quando secretadas em EVs, MMPs atuam de forma mais concentrada, promovendo aumento da invasão celular. Na hipóxia, condição recorrente durante a progressão tumoral, há aumento da secreção de EVs, mas pouco se sabe sobre seu efeito na composição proteica de EVs tumorais. Utilizando-se de métodos para detecção proteica (Western blot, imunoprecipitação e análise proteômica) e determinação de atividade gelatinase (ensaio de degradação de gelatina e zimografia), pretende-se identificar possíveis alterações na composição proteica de EVs secretadas por células tumorais de mama triplo-negativas, em situações de hipóxia e normóxia, bem como verificar a contribuição de MMPs vesiculares na invasão celular tumoral. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Bianca Cruz Pachane - Integrante / SELISTRE-DE-ARAUJO, HELOISA S. - Coordenador / ALTEI, WANESSA F. - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Cooperação / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa.

  • 2018 - 2018

    Caracterização de metaloproteinases (MMPs) em exossomos de células tumorais de mama, Descrição: O câncer é um conjunto de doenças provocadas pela divisão descontrolada de células anormais, com potencial de invasão dos tecidos adjacentes. Dentre as neoplasias mais comuns está o câncer de mama, cujo desenvolvimento é extensivamente influenciado pelo microambiente tumoral (TME). O TME é o local de desenvolvimento dos tumores, composto por células cancerígenas, células estromais, vasos e a matriz extracelular (MEC). A MEC é uma rede complexa e dinâmica composta por macromoléculas bioativas, cuja interação com as células é realizada por meio de ligação com integrinas. As integrinas são receptores transmembrana essenciais no controle da adesão e migração celular, sendo que seu padrão de expressão pode ser alterado contribuindo para a progressão tumoral. Deste modo, diversos compostos, como as desintegrinas obtidas de venenos de serpentes, estão sendo utilizados em estudos do bloqueio desses receptores celulares como potenciais agentes na terapia anticâncer. Com relação ao processo de remodelamento da MEC, as enzimas metaloproteinases (MMPs) digerem proteínas para promover a migração celular invasiva. Dentre elas, as enzimas MMP- 2 e MMP-9 ganham destaque devido a seu papel fundamental nos processos de migração celular, angiogênese metástase. Todo o conjunto dos processos descritos acima é arquitetado por sinalizações celulares que ocorrem de forma sincronizada e regulada no TME. Exossomos são secretados por células tumorais por via endossomal e possuem material genético e uma ampla gama de receptores que os tornam capazes de transformar células e tecidos adjacentes ou distantes do tumor primário. MMPs foram descritas em vesículas extracelulares mas ainda há poucos estudos aprofundados sobre os papel dessas enzimas em exossomos no microambiente tumoral. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Bianca Cruz Pachane - Integrante / Wanessa Fernanda Altei - Coordenador.

  • 2017 - 2018

    Efeito de uma Desintegrina Recombinante de Bothrops alternatus, DisBa-01, nos mecanismos de ação angiogênicos em células endoteliais vasculares, Descrição: A angiogênese é imprescindível para o desenvolvimento corpóreo, ciclo menstrual, em inflamações crônicas, cicatrizações e propagação de tumores malignos. Das diversas moléculas que atuam como reguladores positivos da angiogênese, destaca-se o fator de crescimento do endotélio vascular (VEGF), peptídeo que promove fator vasodilatador e de permeabilidade vascular, sendo vital para o desenvolvimento e sobrevivência de células endoteliais. O VEGF e seus ligantes também podem interagir com proteínas e receptores da matriz extracelular (MEC), incluindo as integrinas. Em células endoteliais vasculares, a integrina V3 é relacionada fundamentalmente com o desenvolvimento vascular. Com o intuito de inibir o papel crucial desta integrina na angiogênese tumoral, desintegrinas passaram a serem utilizadas para inibição da angiogênese. Dentre as desintegrinas, DisBa-01 é considerada uma espécie promissora para estudos anti-angiogênicos e anti-metastáticos. Teve-se como objetivo analisar a ação angiogênica promovida pelo VEGF e integrina v3 na presença da DisBa-01 em células endoteliais de veia umbilical humana (HUVEC). , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Bianca Cruz Pachane - Integrante / SELISTRE-DE-ARAUJO, HELOISA S. - Coordenador / Taís Marolato Danilucci - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2016 - 2017

    Influência do imprinting na oviposição de Anastrepha obliqua Macquart (Diptera:Tephritidae), Descrição: O imprinting é um comportamento irreversível que ocorre em algumas espécies, podendo ser categorizado em imprinting parental (filial) e imprinting sexual. No entanto, outros processos ecológicos de aprendizado podem ter efeito similar ao imprinting. Um destes é a escolha de substrato para oviposição a partir de experiência prévia em se alimentar (ou ter emergido, no caso de insetos) deste substrato. Este trabalho teve como objetivo central investigar a presença de imprinting na espécie Anastrepha obliqua Macquart (Diptera:Tephritidae), relacionando-o à seletividade de substrato para oviposição para confirmar a preferência de oviposição em frutos os quais elas já tiveram um contato prévio. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Bianca Cruz Pachane - Integrante / João Vitor de Mello Assis - Coordenador / Lara Boschesi Constantino - Integrante.

  • 2016 - 2017

    Influência do efeito de borda em Miconia albicans SW. Triana (Melastomataceae), Descrição: O efeito de borda é definido como a influência exercida por matrizes antrópicas ou naturais sobre a borda da vegetação adjunta à elas, o que pode provocar alterações na composição, funcionamento e estrutura de áreas do ecossistema próximas à borda. O Cerrado, um hot spot mundial com fitofisionomia prejudicada por fragmentação, é constantemente afetado por esse efeito, gerando perda de área e de riqueza de espécies. As folhas da espécie Miconia albicans, característica do ambiente de savana, são utilizadas como fitoterápicos devido às ações de compostos antioxidantes importantes. A microrregião da superfície foliar é abundante em elementos essenciais para o desenvolvimento de microrganismos, mas pouco se sabe sobre a microbiota dessa espécie. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (5) . , Integrantes: Bianca Cruz Pachane - Integrante / Dalva Maria da Silva Matos - Coordenador / Pedro Baes Caetano - Integrante / Priscila L. de Oliveira - Integrante / Victoria Ferrari - Integrante / Yago Barros de Souza - Integrante.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Prêmios

2019

Menção Honrosa - Melhor trabalho do Curso de Ciências Biológicas no XXVI Congresso de Iniciação Científica e XI Congresso de Iniciação em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação, Coordenadoria de Programas de Iniciação Científica, Universidade Federal de São Carlos.

2018

Menção Honrosa - Melhor trabalho apresentado na Categoria Pôster, XVIII Curso de Verão: Genoma, Proteoma e Universo Celular.

2018

Primeiro lugar no concurso Elevator Talk, XIX Congresso da Sociedade Brasileira de Biologia Celular.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Universidade Federal de São Carlos, Centro de Ciências Biológicas e da Saúde da UFSCAR. , Universidade Federal de São Carlos, Departamento de Ciências Fisiológicas, Laboratório de Bioquímica e Biologia Molecular, Jardim Guanabara, 13565905 - São Carlos, SP - Brasil, Telefone: (16) 33718333

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

2019 - Atual

Universidade Federal de São Carlos

Vínculo: Estudante de Pós Graduação, Enquadramento Funcional: Aluna de Mestrado, Carga horária: 34, Regime: Dedicação exclusiva.

2013 - 2018

Universidade Federal de São Carlos

Vínculo: Estudante, Enquadramento Funcional: Aluna de Graduação, Carga horária: 34, Regime: Dedicação exclusiva.

Outras informações:
Ciências Biológicas, modalidade Bacharelado.

Atividades

  • 06/2016 - 12/2018

    Estágios , Centro de Ciências Biológicas e da Saúde da UFSCAR, Departamento de Ciências Fisiológicas.,Estágio realizado, Laboratório de Bioquímica e Biologia Molecular: Expressão e purificação de proteína recombinante; Manipulação de OGM; Cultivo de células..

  • 12/2013 - 08/2014

    Estágios , Centro de Ciências Biológicas e da Saúde da UFSCAR, Departamento de Genética e Evolução.,Estágio realizado, Laboratório de Bioquímica Adaptativa: Análise bioquímica do metabolismo de Tambaqui (Colossoma macropomum).

2014 - 2015

University of Sheffield

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Aluna de Graduação em período sanduíche, Carga horária: 30

Outras informações:
Bolsista pelo programa Ciência sem Fronteiras (CNPq/CAPES)

Atividades

  • 04/2015 - 09/2015

    Estágios , Molecular Biology and Biotechnology Department, .,Estágio realizado, History of Biology in a Small English Town (Filey) - Small Population Significant Contribution. (Orientação: Prof. (Hon. Cardiff) Milton Wainwright).

2018 - 2018

Universidade de São Paulo

Vínculo: Voluntário, Enquadramento Funcional: Estagiária, Carga horária: 40

Outras informações:
Estágio realizado no Centro de Química de Proteínas (Depto. Biologia Celular e Molecular e Bioagentes Patogênicos, Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto). "Introdução à espectrometria de massas e aplicações em oncologia, células-tronco e terapia celular"

2016 - 2016

Universidade de São Paulo

Vínculo: Voluntário, Enquadramento Funcional: Estagiária, Carga horária: 38

Outras informações:
Estágio realizado no Laboratório de Etologia e Bioacústica (EBAC-FFCLRP/USP)