Érico Carlos Pedroso

Engenheiro agrônomo formado pela Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul unidade Universitária de Aquidauana-MS. Mestrando em agronomia pela Universidade Estadual do Mato Grosso do Sul unidade de Aquidauana MS.

Informações coletadas do Lattes em 24/06/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Mestrado em andamento em Agronomia

2019 - Atual

Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul
Título: Desenvolvimento e qualidade bromatológica de forrageiras submetidas à gessagem,Orientador:
Matheus Gustavo da Silva.Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.

Graduação em Agronomia

2014 - 2019

Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2019 - 2019

ILPF. (Carga horária: 40h). , Empresa Brasileira de pesquisa agropecuária, EMBRAPA-CNPGC, Brasil.

2017 - 2017

PRODUÇÃO DE FORRAGEM HIDROPÔNICA. (Carga horária: 8h). , Serviço Nacional de Aprendizagem Rural - MS, SENAR/MS, Brasil.

2017 - 2017

Produção de Conservas. (Carga horária: 24h). , Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural de Mato Grosso do Sul, AGRAER, Brasil.

2016 - 2016

MANEJO DE PASTAGENS. (Carga horária: 24h). , Serviço Nacional de Aprendizagem Rural - MS, SENAR/MS, Brasil.

2012 - 2012

Mecanização e mecânica agrícola. (Carga horária: 80h). , Serviço Nacional de Aprendizagem Rural - AR/PR, SENAR-PR, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Agrostologia.

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Fitotecnia.

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Manejo e Tratos Culturais.

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Zootecnia / Subárea: Bromatologia.

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Mecânica e Mecanização Agrícola.

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Grandes Culturas.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

ENEPEX 2019.DESENVOLVIMENTO E QUALIDADE BROMATOLÓGICA DE FORRAGEIRAS SUBMETIDAS A DOSES DE GESSO AGRÍCOLA. 2019. (Encontro).

ENEPEX 2019.APLICAÇÃO DE DOSES DE GLIFOSATO EM DIFERENTES ESTÁDIOS FENOLÓGICOS DA CULTURA DA SOJA. 2019. (Encontro).

ENEPEX 2019.Adubação nitrogenada na cultura da soja em sucessão a adubos verdes. 2019. (Encontro).

XIV Semana agronômica & IX Encontro Técnico Científico. 2017. (Encontro).

XIII Semana Agronômica & VIII Encontro Técnico Científico.Desempenho de forrageiras após a aplicação de gesso agrícola. 2016. (Encontro).

XIII Semana Agronômica & VIII Encontro Técnico Científico. 2016. (Encontro).

XIII Semana Agronômica & VIII Encontro Técnico Científico.Desenvolvimento produtivo da cana-de-açúcar sob dois preparos do solo e diversos tamanhos de toletes em Aquidauana-MS. 2016. (Encontro).

ENEPEX 2015.Aplicação de doses de nitrogênio na cultura da soja em consórcio com forrageiras na região oeste de Mato Grosso do Sul. 2015. (Encontro).

XII Semana Agronômica & VII Encontro Técnico Científico. 2015. (Encontro).

XII Semana Agronômica & VII Encontro Técnico Científico.Aplicação de doses de nitrogênio na cultura da soja em consórcio com forrageiras na região oeste de Mato Grosso do Sul. 2015. (Encontro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

Aluno: LUIS LOESIA GOMES PAULINO

LOPES, A. S.; FANAYA JÚNIOR, E. D.;PEDROSO, É. C.. APLICAÇÃO DE DOSES DE GLIFOSATO EM DIFERENTES ESTÁDIOS FENOLÓGICOS DA CULTURA DA SOJA. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul.

Aluno: Luiz Anderson Abdalla da Silva

LOPES, A. S.; FANAYA JÚNIOR, E. D.;PEDROSO, É. C.. Coinoculação e nitrogênio em cobertura na cultura da soja. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul.

PEDROSO, É. C.. ESTUDO DA VIABILIDADE DA IMPLANTAÇÃO DE UMA CICLOVIA PARA OS ESTUDANTES DO IFMS - CAMPUS AQUIDAUANA.. 2019. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso do Sul.

PEDROSO, É. C.. PROPOSTA DE DIAGNÓSTICO DOS PROCEDIMENTOS OPERACIONAIS ADOTADOS NAS BARRAGENS DE MINÉRIO EM CORUMBÁ/MS. 2019. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso do Sul.

PEDROSO, É. C.. Extração de regras de classificação a partir de redes neurais para auxílio à tomada de decisão na compra de uma casa. 2019. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso do Sul.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Agenor Martinho Correa

SILVA, M.G. da;MARTINHO C, AGENOR; LOPES, A. S.. Adubação nitrogenada na cultura da soja em consorcios com forrageiras. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul.

Matheus Gustavo da Silva

SILVA, M. G.CORREA, A. M.; LOPES, A. S.. Adubação nitrogenada na cultura da soja em consórcio com forrageiras. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul.

Adriano da Silva Lopes

SILVA, M. G.; CORREA, A. M.;LOPES, A. S.. Adubação nitrogenada na cultura da soja em consórcios com forrageiras. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Matheus Gustavo da Silva

Interações entre o uso de gesso e o crescimento e desenvolvimento de espécies forrageiras; Início: 2019; Dissertação (Mestrado profissional em Mestrado em Agronomia: Produção Vegetal) - Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; (Orientador);

Matheus Gustavo da Silva

Aplicação de doses de nitrogênio na cultura da soja em consórcio com forrageiras na região oeste de Mato Grosso do Sul; 2018; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Agronomia) - Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul; Orientador: Matheus Gustavo da Silva;

Matheus Gustavo da Silva

Aplicação de doses de nitrogênio na cultura da soja em consórcio com forrageiras na região oeste de Mato Grosso do Sul; 2018; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul, Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul; Orientador: Matheus Gustavo da Silva;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2016 - Atual

    CRESCIMENTO E DESENVOLVIMENTO DE FORRAGEIRAS MEDIANTE USO DE GESSO AGRÍCOLA, Descrição: O uso de gesso agrícola tem aumentado de forma excepcional nos últimos anos, visto que possui baixo custo, grande potencial para neutralizar o alumínio e lixiviar para a subsuperfície K, Mg e Ca, melhorando o aproveitamento radicular das plantas, o que permite a absorção da água em camadas mais profundas, o que melhoraria sobremaneira o desempenho das forrageiras, principalmente na estação seca. Diante disso, objetivou-se analisar o desempenho de espécies forrageiras mediante a aplicação de gesso agrícola no solo. O experimento está sendo desenvolvido na Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul ? Unidade de Aquidauana no ano agrícola de 2016/2017. Será utilizado o delineamento em blocos inteiramente casualizados, em esquema fatorial 4x4, com os tratamentos compostos pela combinação de quatro variedades de forrageiras (Panicum maximum cv. Zuri; Brachiaria decumbens cv. Basilisk. Brachiaria brizantha cv. Marandu; Brachiaria brizantha cv. Paiaguás) e quatro doses de gesso agrícola (0; 5; 10; 15 t/ha-1) com 4 repetições. Serão avaliados a altura de planta, diâmetro de perfilho primário, número de perfilhos, matéria verde e seca da parte aérea e radicular, comprimento da raiz, razão de área foliar, teor de proteína bruta, hemicelulose, celulose, FDN, FDA e teor foliar de macro e micronutrientes e teor de K, Ca, Mg e S nas camadas do solo.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Érico Carlos Pedroso - Coordenador / MATEUS GUSTAVO DA SILVA - Integrante.

  • 2016 - Atual

    USO DE BIOESTIMULANTE EM COBERTURA EM DUAS VARIEDADES DE SOJA, Descrição: Os hormônios são responsáveis por vários processos fisiológicos das plantas, tais como floração, frutificação e ramificação, que proporcionam incrementos positivos na produtividade de grãos, no entanto, há poucos estudos relacionados a tais hormônios. No mercado existem disponíveis produtos comerciais contendo um ou mais hormônios em sua composição. Nesse sentido, será desenvolvido experimento objetivando avaliar o desempenho da cultura da soja mediante uso de bioestimulante composto por citocinina, ácido indolcanóico e giberelina. O experimento será instalado na UEMS ? Unidade Universitária de Aquidauana (MS), em um delineamento em blocos ao acaso, em esquema fatorial 2x4, com 4 repetições. Os tratamentos serão compostos pela combinação entre duas variedades de soja (BMX Potência e CD 2737) e quatro doses do produto Stimulate (0; 0,25; 0,50; 0,75 L ha-1), aplicadas no estádio fenológico V5. Serão avaliados o diâmetro do colmo, altura de planta, altura da inserção da primeira vagem, número de nódulos, atividade nodular, matéria seca da parte aérea, comprimento da raiz, número de vagens por planta, número de grãos por vagem, massa de 100 grãos, produtividade de grãos. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Érico Carlos Pedroso - Coordenador / MATEUS GUSTAVO DA SILVA - Integrante.

  • 2015 - 2016

    CULTIVARES DE SOJA COM DIFERENTES POPULAÇÕES EM DUAS ÉPOCAS DE SEMEADURA EM AQUIDAUANA-MS, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Érico Carlos Pedroso - Coordenador / CLÁUDIO LÚCIO LINHARES SOBRINHO - Integrante.

  • 2014 - 2015

    APLICAÇÃO DE DOSES DE NITROGÊNIO NA CULTURA DA SOJA EM CONSÓRCIO COM FORRAGEIRAS NA REGIÃO OESTE DE MATO GROSSO DO SUL, Descrição: A integração lavoura pecuária é uma prática amplamente difundida, e que tem apresentado ultimamente algumas nuances com relação às culturas consorciadas. Assim, a soja tem se apresentado como excelente opção nesse consórcio, visto que é uma das culturas mais importantes para o Brasil, proporcionando benefícios diretos e indiretos à prática da integração. Nesse sentido, o experimento objetivou avaliar o desempenho da soja (cultivar SYN 1059 RR) cultivada em diferentes sistemas de produção com a aplicação de nitrogênio em cobertura. O experimento realizou-se na área experimental da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul, Unidade Universitária de Aquidauana. O delineamento experimental foi em blocos casualizados, em esquema de parcelas subdivididas 3x4, com as parcelas sendo constituídas pelos sistemas de produção (monocultivo; consórcio com Panicum maximum cv. Tanzânia; consórcio com Brachiaria brizantha cv. Marandú), e as subparcelas pelas doses de nitrogênio aplicadas em cobertura (0; 50; 100; 150 kg ha-1). O consórcio entre soja e Panicum maximum cv. Tanzânia ou Brachiaria brizantha cv. Marandú se mostrou promissor uma vez que não afetou negativamente quaisquer componentes vegetativos ou reprodutivos da cultura da soja, com o benefício da produção de matéria seca pelas forrageiras para recobrimento do solo. A aplicação em cobertura de aproximadamente 91 kg ha-1 de nitrogênio proporcionou resultados positivos para a altura de planta (69,2 cm) e produtividade de grãos (2691 kg ha-1).. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Érico Carlos Pedroso - Coordenador / THIAGO FIGUEIREDO - Integrante.

  • 2014 - 2015

    DESENVOLVIMENTO DE CULTIVARES DE SOJA EM DIFERENTES ÉPOCAS EM AQUIDAUANA-MS, Descrição: Foram semeadas 14 cultivares de soja em duas épocas (01/10/2014 e 15/10/2014) na área experimental da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul. Além da produtividade, foram avaliadas as seguintes variáveis, acamamento, diâmetro do colmo, altura de planta, altura de inserção de primeira vagem, número de vagem por planta, número de grãos por vagem, número de grãos por planta e massa de 100 grãos.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Érico Carlos Pedroso - Integrante / CLÁUDIO LÚCIO LINHARES SOBRINHO - Coordenador.

  • 2014 - Atual

    PRÁTICAS CULTURAIS PARA A PRODUÇÃO DE CANA-DE-AÇÚCAR EM MATO GROSSO DO SUL, Descrição: Nos últimos anos a cana-de-açúcar vem expandindo suas áreas, principalmente em Mato Grosso do Sul, que hoje detém o maior percentual de crescimento de área de plantio da mesma e assim vem absorvendo tecnologias de ponta no cultivo dessa cultura. Nesse sentido, o cultivo da cana-de-açúcar sempre preconizou o preparo do solo de forma profunda, com ausência de rotação de culturas e pouca preocupação na manutenção de palha em sua superfície. Entretanto, nos últimos anos, com o advento do plantio e colheita mecanizados, algumas práticas culturais tradicionais vêm perdendo em detrimento de novas tecnologias, tais como diferentes tamanhos de toletes visando distribuição mais uniforme na linha em plantios mecanizados, além da adoção de espaçamentos reduzidos, visto que inúmeras publicações enfatizam o ganho em produtividade que essa redução proporciona. Nesse sentido, a utilização de toletes de menor tamanho aumenta a eficiência das plantadoras não só por melhorar a distribuição das gemas na linha de plantio, mas também por evitar o recarregamento constante da plantadora. Concomitantemente a isso, a utilização das novas colhedoras de cana-de-açúcar (duas linhas) pode proporcionar até 25% de redução no tempo de colheita de um talhão. Nesse sentido, o projeto objetiva avaliar as características fenológicas, produtivas e tecnológicas da cana-de-açúcar, mediante seu cultivo sob preparo convencional do solo e sistema plantio direto (SPD), utilizando diferentes espaçamentos (1,0 e 1,5 m) e tamanhos de toletes (5, 10, 20 e 40 cm)... , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Érico Carlos Pedroso - Coordenador.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Prêmios

2019

Engenheiro Agrônomo, Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2019 - Atual

    Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Aluno, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

  • 2014 - 2018

    Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: aluno, Carga horária: 40

    Atividades

    • 07/2018 - 11/2018

      Estágios , Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão, .,Estágio realizado, em empresa de consultoria, licenças e georreferenciamento.