Otilene Santos Mattos

Possui graduação em Ciências Biológicas pela Fundação Universidade Federal de Rondônia (2001), mestrado (2005) em Botânica pelo Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, e doutorado (2009) em Botânica pelo Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (INPA, Brasil) com período sanduíche no Centre National de la Recherche Scientifique (CNRS, França). Trabalhou de 2011 a 2014 como Pesquisadora e Professora no Curso de Pós-graduação Biologia Urbana da Universidade Nilton Lins onde orientou alunos de graduação e mestrado na área de botânica e educação ambiental. Durante o mesmo período foi coordenadora dos Programas de Iniciação Científica -PIBIC/CNPq e Ciências sem Fronteiras da Universidade Nilton Lins. Em 2015 e 2016 fez cursos em produção orgânica pelo Instituto de Permacultura da Austrália e em gestão de sistemas de aquaponia pelo Instituto de Aquaponia da Austrália. Atualmente é bolsista FIXAM/FAPEAM e coordena projetos de Aquaponia na Universidade Federal do Amazonas.

Informações coletadas do Lattes em 17/06/2019

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em Ciências Biológicas (Botânica)

2005 - 2009

Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Título: Taxonomia e Hipótese Filogenética da seção Americana, subgênero Urostigma, gênero Ficus F. (Moraceae).
Orientador: Maria Lúcia Absy
com Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.

Mestrado em Ciências Biológicas (Botânica)

2003 - 2005

Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Título: Fenologia reprodutiva e biologia floral de espécies do sub-bosque em uma floresta tropical úmida na região de Manaus/AM,Ano de Obtenção: 2005
Antonio Carlos Webber.Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil. Palavras-chave: Fenologia, biologia floral, sub-bosque.Grande área: Ciências Biológicas

Graduação em Ciências Biológicas

1997 - 2001

Fundação Universidade Federal de Rondônia

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2016 - 2016

Living Soils for Vital Food. (Carga horária: 40h). , Permaculture Research Institute - Australia, PRI, Austrália.

2016 - 2016

GENERAL ENGLISH. (Carga horária: 40h). , HAWTHORN-MELBOURNE ENGLISH LANGUAGE, HAWTHORN, Austrália.

2016 - 2016

Permaculture Design Course. (Carga horária: 72h). , Permaculture Research Institute - Australia, PRI, Austrália.

2012 - 2012

Curso de Formação de Membros de CEP. (Carga horária: 20h). , Universidade Federal do Amazonas, UFAM, Brasil.

2009 - 2009

Biologie évolutive et diversité du vivant. (Carga horária: 1100h). , Institut National de la Recherche Agronomique, INRA/UMR/CSGA, França.

2008 - 2008

Doutorado Sanduíche. , Centre National de la Recherche Scientifique, CNRS, França.

2007 - 2007

Curso de Atualização em Biologia Comparada. (Carga horária: 200h). , Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, INPA, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Espanhol

Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Pouco.

Francês

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Botânica / Subárea: Biologia reprodutiva.

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Botânica / Subárea: Taxonomia Vegetal/Especialidade: Taxonomia e sistemática de Ficus (Moraceae).

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Botânica / Subárea: Taxonomia Vegetal.

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Botânica / Subárea: Botânica Aplicada.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

Santos-Mattos, O. . V ENCONTRO NACIONal em Biologia Urbana. 2012. (Outro).

Santos-Mattos, O. . VIII Mostra Científica da Universidade Nilton Lins. 2012. (Outro).

Santos-Mattos, O. . IV Encontro Nacional de Biologia Urbana da Universidade Nilton Lins. 2011. (Outro).

Santos-Mattos, O. . VII Mostra Científica da Universidade Nilton Lins. 2011. (Outro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

Annual Meeting for Association of Tropical Biology and Conservation.Riparian woody plant diversity and forest structure in an Amazon-tropical city.. 2014. (Encontro).

II SINBOT - Simpósio Internacional de Botânica Aplicada.Vespas da família Agaonidade associadas a cinco espécies do gênero Ficus na área urbana de Manaus.. 2013. (Simpósio).

XI Congresso de Ecologia - I Congresso Inernacional de Ecologia. Diversificação da fauna de vespa-do-figo em duas espécies de figueiras no Amazonas.. 2013. (Congresso).

XI Congresso de Ecologia - I Congresso Internacional de Ecologia. Análise da riqueza da fauna de vespas-de-figo da família Agaonidae (Hymenoptera: Chalcidoidea) associadas a cinco espécies do gênero Ficus L. (Moraceae) na área urbana de Manaus/AM.. 2013. (Congresso).

63 Congresso Nacional de Botânica. Caracterização do ciclo reprodutivo de duas espécies de Ficus L. (Moraceae) na área urbana de Manaus/AM.. 2012. (Congresso).

64 Reunião Anual da SBPC. Diversidade e distribuição quantitativa de espécies de vespas Agaonidae (Chalcidoidea: Hymenoptera) associadas a duas espécies do gênero Ficus (MORACEAE) na área urbana de Manaus/AM.. 2012. (Congresso).

XXIV Congresso Brasileiro de Entomologia. Caracterização da fauna de vespas Agaonidae (Hymenoptera: Chalcidoidea) associadas à Ficus obtusifolia (Moraceae) na área urbana de Manaus/AM.. 2012. (Congresso).

Conferência Científica Internacional.Amazônia em Pespectiva: Ciência Integrada para um Futuro Sustentável. 2008. (Simpósio).

Curso de Atualização em Biologia Comparada - Sistemática e Biogeografia.Curso de Atualização em Biologia Comparada - Sistemática e Biogeografia. 2007. (Oficina).

52 Reunião Anual da SBPC.Plantas Medicinais - Métodos Farmacológicos para avaliação das atividades. 2000. (Oficina).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

Aluno: RAQUEL RIBEIRO DE SOUZA CASTRO

Santos-Mattos, O.. Vespas da família agaonidade (Hymenoptera: Chalcidoidea) associadas a cinco espécies do gênero Ficus L. (Moraceae) na área urbana de Manaus/AM.. 2013. Dissertação (Mestrado em Biologia Urbana) - Universidade Nilton Lins.

Aluno: Alinne Costa Cavalcante Rezende

Santos-Mattos, O.. Análise morfométrica e biologia reprodutiva do complexo Ficus americana, seção Americana, subgênero Urostigma (Ficus, MORACEAE).. 2013. Dissertação (Mestrado em Biologia Urbana) - Universidade Nilton Lins.

Aluno: Patrícia Cristina Augusto de Oliveira

Santos-Mattos, O.. O aporte vegetal e a participação de macroinvertebrados no processo de decomposição foliar em um igrapé impactado e um preservado em Manaus/AM.. 2013. Dissertação (Mestrado em Biologia Urbana) - Universidade Nilton Lins.

Aluno: Renata Barros Ribeiro

Santos-Mattos, O.. Embriogênese Somática de Pau-rosa (Aniba rosaeodora Ducke): Propagação Clonal e Conservação ex-situ de genótipos elite.. 2011. Dissertação (Mestrado em Biologia Urbana) - Universidade Nilton Lins.

Aluno: Michelle Navarro Ferreira

Santos-Mattos, O.. Descarte de Resíduos Odontológicos em Consultórios de três zonas da cidade Manaus: Uma proposta de gerenciamento.. 2011. Dissertação (Mestrado em Biologia Urbana) - Universidade Nilton Lins.

Aluno: BRUNO MORI

Santos-Mattos, O.. Associação de ultrasson e infravermelho no tratamento de tendinopatias de ombro: adequação de técnica.. 2011. Dissertação (Mestrado em Biologia Urbana) - Universidade Nilton Lins.

Aluno: José Cintra Rodrigues

Santos-Mattos, O.; Couceiro, S.R.M.. SELEÇÃO DE ESPÉCIES FITORREMEDIADORAS PARA SEREM UTILIZADAS NO PROCESSO DE RECUPERAÇÃO DO IGARAPÉ DO QUARENTA.. 2011 - Universidade Nilton Lins.

Aluno: Jaílson Santos de Novais

Santos-Mattos, O.. Estudos palinológicos de produtos meliponículas provenientes do baixo Amazonas e da caatinga do nordeste do Brasil.. 2013. Tese (Doutorado em Ciências Biológicas (Botânica)) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia.

Aluno: Marcos Gonçalves Ferreira

Santos-Mattos, O.; Souza, A.C.M.; Zilse, G.A.C.; Garcia, M.V.B.; Costa, K.B.. Exploração de recursos polínicos por Melipona (Michmelia) seminigra merrillae Cockerell, 1919 e Melipona (Melikerria) compressipes (Fabricius, 1804) (Apinae:Meliponini) criadas racionalmente na Amazônia Central.. 2010. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Biológicas (Entomologia)) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia.

Aluno: Andre Correa de Oliveira

Santos-Mattos, O.. Atividade biológica de óleos essenciais de Piper umbellata, Piper aduncum e Piper alatipetiolatum sobre larvas de Aedes aegypti (Diptera: Culicidae) em laboratório.. 2013.

Aluno: Simone Braga Carneiro

Santos-Mattos, O.. Bioatividade dos extratos de Eupatorium triplinerve e Justicia acuminatissima sobre o fitoterápico Mycoshaerella fijiensis Morelet.. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Biologia Urbana) - Universidade Nilton Lins.

Aluno: Yuri Oliveira Feitosa

Santos-Mattos, O.. Registros palinológicos em amostras de sedimentos do quaternário tardio do médio Rio Madeira/AM.. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Biologia (Ecologia)) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia.

Santos-Mattos, O.. Mostra de iniciação Científica do Programa de Iniciação Científica PAIC/FAPEAM. 2011. Universidade Nilton Lins.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Orientou

Alinne Costa Cavalcante Rezende

Caracterização das fontes de recursos tróficos para abelhas dos gêneros Melipona e Scaptotrigona nas áreas da comunidade indígena Sataré Mawé, Amazonas; ; Início: 2016; Tese (Doutorado em BIODIVERSIDADE E BIOTECNOLOGIA - REDE BIONORTE) - Universidade Federal do Amazonas, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas; (Coorientador);

Ana Carolina Feitosa Rêgo

AVALIAÇÃO DOS PROGRAMAS DE GESTÃO E EDUCAÇÃO AMBIENTAL EM DUAS EMPRESAS PRIVADAS NA CIDADE DE MANAUS/AM; 2014; Dissertação (Mestrado em Biologia Urbana) - Universidade Nilton Lins, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas; Orientador: Otilene dos Anjos Santos;

Alinne Costa Cavalcante Rezende

Análise morfométrica e biologia reprodutiva do complexo Ficus americana, seção Americana, subgênero Urostigma (Ficus, MORACEAE); ; 2013; Dissertação (Mestrado em Biologia Urbana) - Universidade Nilton Lins, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas; Orientador: Otilene dos Anjos Santos;

RAQUEL RIBEIRO DE SOUZA CASTRO

Vespas da família Agaonidae (Hymenoptera: Chalcidoidea) associadas a cinco espécies do gênero Ficus L; (MORACEAE) na área urbana de Manaus/AM; ; 2013; Dissertação (Mestrado em Biologia Urbana) - Universidade Nilton Lins, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas; Orientador: Otilene dos Anjos Santos;

Ana Kyssia Ferreira Filatoff

AVALIAÇÃO DA COMPOSIÇÃO FLORÍSTICA DE CINCO PRAÇAS E PARQUES DA CIDADE DE MANAUS - AM; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências Biológicas) - Universidade Nilton Lins, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Otilene dos Anjos Santos;

Sabrina Lima de Menezes

DIVERSIDADE DE VESPAS NÃO-POLINIZADORAS (AGAONIDAE: CHALCIDOIDEA) EM RELAÇÃO AO TAMANHO DO FIGO (FICUS, MORACEAE); ; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências Biológicas) - Universidade Nilton Lins, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Otilene dos Anjos Santos;

Márcia Daniela de Sousa Silva

Levantamento da Vegetação Marginal dos Igarapés Urbanos de Manaus, AM; 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências Biológicas) - Universidade Nilton Lins; Orientador: Otilene dos Anjos Santos;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • REZENDE, A. C. C. ; Absy, M.L. ; Ferreira M.G. ; Marinho, H.A. ; Otilene dos Anjos Santos . Pollen of honey from Melipona seminigra merrillae Cockerell, 1919, Scaptotrigona nigrohirta Moure, 1968 and Scaptotrigona sp. Moure, 1942 (Apidae: Meliponini) reared in Sataré Mawé indigenous communities, Amazon, Brazil. PALYNOLOGY , v. 42, p. 1-13, 2018.

  • Santos, Otilene dos Anjos ; COUCEIRO, SHEYLA REGINA MARQUES ; REZENDE, ALINNE COSTA CAVALCANTE ; SILVA, MÁRCIA DANIELA DE SOUSA . Composition and richness of woody species in riparian forests in urban areas of Manaus, Amazonas, Brazil. Landscape and Urban Planning , v. 150, p. 70-78, 2016.

  • CASTRO, RAQUEL RIBEIRO DE SOUZA ; REZENDE, ALINNE COSTA CAVALCANTE ; ROQUE, ROSEMARY APARECIDA ; JUSTINIANO, SILVIA CASSIA BRANDÃO ; Santos, Otilene dos Anjos . Composition and structure of the fig wasp community in Amazonia. Revista Acta Amazonica , v. 45, p. 355-364, 2015.

  • Cruaud, Astrid ; Jabbour-Zahab, Roula ; Genson, Gwenaëlle ; Kjellberg, Finn ; Kobmoo, Noppol ; van Noort, Simon ; Da-Rong, Yang ; Yan-Qiong, Peng ; Ubaidillah, Rosichon ; Hanson, Paul E ; Santos-Mattos, Otilene ; Farache, Fernando HA ; Pereira, Rodrigo AS ; Kerdelhué, Carole ; Rasplus, Jean-Yves . Phylogeny and evolution of life-history strategies in the Sycophaginae non-pollinating fig wasps (Hymenoptera, Chalcidoidea). BMC Evolutionary Biology (Online) , v. 11, p. 178, 2011.

  • Santos-Mattos, O. ; Webber, A.C. ; Costa, F.R.C. . Biologia reprodutiva de Psychotria spectabilis Steyrm. e Palicourea cf. virens (Poepp & Endl.) Standl. (Rubiaceae) em uma floresta tropical úmida na região de Manaus, AM, Brasil. Acta Botanica Brasílica (Impresso) , v. 22, p. 275-285, 2008.

  • Soleane, H. ; AZEVEDO, M. S. ; Facundo, V.A. ; Rover, M. ; Santos-Mattos, O. ; Slana, G.B.C.A. ; BARRETO, A. S. . Essential Oil of Piper renitens (Miq.) Yunck Leaves and Stems (Piperaceae) from Brazilian Amazonian Forest. The Journal of Essential Oil Research , v. 19, p. 557-558, 2007.

  • MACHADO, A. F. P. ; VIANNA FILHO, M. D. ; CARRIJO, T. T. ; Santos-Mattos, O. . Ficus (MORACEAE): Caracteres de importância taxonômica e guia para coleta.. Albertoa (Rio de Janeiro) , v. 30, p. 221-224, 2007.

  • Cruaud, Astrid ; COOK, J. ; Da-Rong ; Genson, Gwenaëlle ; Jabbour-Zahab ; Kejellberg, F. ; Pereira, Rodrigo AS ; Ronsted, N. ; Otilene Santos-Mattos ; Savalainen, V. ; Ubaidillah, Rosichon ; van Noort, Simon ; Yan-Qiong, P. ; Rasplus, Jean-Yves . Fig?fi g wasp mutualism: the fall of the strict cospeciation paradigm?. In: Sébastien Patiny. (Org.). Evolution of Plant-Pollinator Relationships. 1ed.United Kingdom: University Printing House, 2011, v. 81, p. 68-102.

  • SANTOS-MATTOS, O. ; REZENDE, A. C. C. ; CASTRO, R. R. S. ; ROQUE, R. A. ; JUSTINIANO, S. C. B. ; Santos-Mattos, O. . Análise da riqueza da fauna de vespas-de-figo da família Agaonidade associadas a cinco espécies do gênero Ficus. na área urbana de Manaus, AM.. In: XI Congresso de Ecologia do Brasil, 2013, Porto Seguro, BA. Anais do IX Congresso de Ecologia do Brasil, 2013.

  • MENEZES, S. L. ; CASTRO, R. R. S. ; REZENDE, A. C. C. ; MATTOS, O. S. ; Santos-Mattos, O. . Diversidade de vespas-de-figo em relação ao tamanho do sicônio.. In: IX Mostra de Iniciação Científica da Universidade Nilton Lins, 2013, MANAUS. Anais da IX Mostra de Iniciação Científica da Universidade Nilton Lins. MANAUS: OTILENE, 2013.

  • REZENDE, A. C. C. ; CASTRO, R. R. S. ; MENEZES, S. L. ; Santos-Mattos, O. . Diferenciação da fauna de vespas-do-figo em duas espécies de figueiras no Amazonas. In: XI Congresso de Ecologia do Brasil, 2013. Anais do IX Congresso de Ecologia do Brasil, 2013.

  • BELEM, L. G. ; Souza, A.C.M. ; Ferreira M.G. ; Santos-Mattos, Otilene ; Marinho, H.A. . Análise de amostras do mel provenientes da área indígena Saterê-Mawé, Amazônia. In: PIBIC - Instituto Nacional de Pesquisa da Amazônia, 2011, Manaus. Pibic, 2011.

  • Silva, M. D.S. ; REZENDE, A. C. C. ; FILATOFF, A. K. ; Couceiro, S.R.M. ; Santos-Mattos, Otilene . Riparian woody plant diversity and forest structure in an Amazon-tropical city.. In: 51 ANNUAL MEETING OF THE ASSOCIATION FOR TROPICAL BIOLOGY AND CONSERVATION, 2014, Cairns, Queesland. 51 ANNUAL MEETING OF THE ASSOCIATION FOR TROPICAL BIOLOGY AND CONSERVATION, 2014.

  • Santos-Mattos, Otilene ; REZENDE, A. C. C. ; CASTRO, R. R. S. ; SANTOS, V. M. . Diversidade e distribuição quantitativa de espécies de vespas Agaonidae (Chalcidoidea: Hymenoptera) associadas a duas espécies do gênero Ficus (MORACEAE) na área urbana de Manaus/AM.. In: 64 Reunião Anual da SBPC, 2012, SÃO LUIS. 64 Reunião Anual da SBPC, 2012.

  • Silva, M. D.S. ; Santos-Mattos, Otilene ; Couceiro, S.R.M. ; DIAS, F. A. M. ; LIBERATO, M. A. R. . Vegetação marginal dos igarapés urbanos de Manaus/AM.. In: 64 Reunião Anual da SBPC, 2012, SÃO LUIS. 64 Reunião Anual da SBPC, 2012.

  • RODRIGUES, J. C. ; CANTO, A. C. ; JUSTINIANO, S. ; Santos-Mattos, Otilene . Avaliação do potencial fotorremediador das espécies Pistia stratiotes, Eichornia crassipes e Vetiveria zizanioides no tratamento das águas do igarapé do quarenta.. In: 64 Reunião Anual da SBPC, 2012, sÃO LUIS. 64 Reunião Anual da SBPC, 2012.

  • Santos-Mattos, O. ; Ribeiro, J.E.L.S. ; Absy, M.L. . As figueiras nativas (Ficus, Moraceae) do estado do Amazonas, Brasil. In: Congresso Nacional de Botânica, 2007, São Paulo. 58º Congresso Nacional de Botânica, 2007.

  • Santos-Mattos, O. ; Webber, A.C. ; Costa, F.R.C. . Biologia floral e polinização de Rinorea pubiflora e Rinorea macrocarpa (Violaceae) no sub-bosque das florestas tropicais na região de Manaus.. In: IX Congresso Latinoamericano de Botanica, 2006, Santo Domingo. IX Congresso Internacional de Botanica.

  • Santos-Mattos, O. ; Costa, F.R.C. ; Webber, A.C. . Biologia floral, polinização e fenologia reprodutiva de PSYCHOTRIA SPECTABILIS Steyrm. e PALICOUREA SP. (Rubiaceae) na região de Manaus/AM. In: 56º Congresso Nacional de Botância, 2005, Curitiba/PR. 56º Congresso Nacional de Botância, 2005.

  • Absy, M.L. ; Santos-Mattos, O. ; Assis, M.G.P ; Marinho, H.A. ; Moura, C.O. . Análise de pólen coletado por abelhas SCAPTOTRIGONA (Tribo Trigonini) na área indígena Sateré Mawé, Amazônia Central. In: 56º Congresso Nacional de Botânica, 2005, Curitiba/PR. 56º Congresso Nacional de Botânica, 2005.

  • AZEVEDO, M. S. ; Santos-Mattos, O. ; Vale, C.A.S. ; Souza, A.C.R. . Estudos fitoquímicos de espécies do gênero SOLANUM presentes no município de Porto Velho/RO. In: 53º Congresso Nacional de Botânica, 2002, Pernambuco. 53º Congresso Nacional de Botânica, 2002.

  • AZEVEDO, M. S. ; Vale, C.A.S. ; Santos-Mattos, O. ; Ribeiro, R.A. . Abordagem Fitoquímica do SOLANUM CRINITUM. In: 24º Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Química, 2001, Poços de Caldas. 24 Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Química, 2001.

  • Santos-Mattos, O. ; Silva, M.G.S.N . Saúde da Mulher: uso de etnofármacos na área ribeirinha de Rondônia. In: 52 reunião da SBPC - UnB, 2000, Brasília. 52º reunião da SBPC - UnB, 2000.

  • Santos, Otilene dos Anjos . Biólogo empreendedor: Estudo de caso com ECOAquaponia. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • Santos, Otilene dos Anjos . Aquaponia: Proposta Inovadora para a produção sustentável de alimentos. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

Santos-Mattos, Otilene . Análises das Propostas submetidas ao Prêmio Professor Samuel Benchimol - edição 2012. 2012.

Santos, Otilene dos Anjos . Sistema Comercial de Aquaponia recebe Prêmio. 2017. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2013 - 2015

    Interação planta-polinizador em ambientes urbanos: Avaliação da composição florística e os recursos florais oferecidos aos polinizadores na área urbana de Manaus/AM., Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Otilene dos Anjos Santos - Coordenador / Alinne Costa Cavalcante Rezende - Integrante / ANA KYSSIA FILATOFF - Integrante.

  • 2011 - 2013

    Interação entre Ficus (Moraceae) e as vespas-de-figos (Chalcidoidea): taxonomia e biologia da polinização., Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (2) . , Integrantes: Otilene dos Anjos Santos - Coordenador / Alinne Costa Cavalcante Rezende - Integrante / Raquel Ribeiro de Souza Castro - Integrante / sabrina lima de menezes - Integrante.

  • 2010 - 2013

    Funcionamento ecológico dos igarapés urbanos de Manaus: Avaliação da vegetação marginal no sustento da fauna aquátic., Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Otilene dos Anjos Santos - Integrante / Sheyla Regina Marques Couceiro - Coordenador / Márcia Daniela de Sousa Silva - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2008 - 2011

    Repatriação de Informação do Jardim Botânico de Nova Iorque sobre Diversidade de Plantas da Amazônia Brasileira, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Otilene dos Anjos Santos - Integrante / Célio Magalhães - Coordenador.

  • 2008 - 2010

    Diversidade de plantas e sua importância como fonte de alimento para as abelhas Meliponinae na Amazônia Central., Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Doutorado: (1) . , Integrantes: Otilene dos Anjos Santos - Integrante / Maria L. Absy - Coordenador / Cleonice O. Moura - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2008 - 2010

    Recursos polínicos utilizados por Meliponini na Amazônia Central: Conservação da Biodiversidade e Desenvolvimento Sustentável., Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Otilene dos Anjos Santos - Integrante / Maria L. Absy - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2008 - 2010

    Paleoambientes do Neógeno da Amazônia, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Otilene dos Anjos Santos - Integrante / Maria L. Absy - Coordenador / Cleonice O. Moura - Integrante / Silane Aparecida Ferreira Silva - Integrante / Natália Sá - Integrante / André Rodrigo Rech - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2008 - 2010

    Abelhas Nativas da Área Indígena Sateré-Mawé:mapeamento da polinização e caracterização dos produtos meliponículas, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Otilene dos Anjos Santos - Integrante / Maria L. Absy - Integrante / Helyde A. Marinho - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2007 - 2009

    Flórula de São Gabriel da Cachoeira (AM), Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Doutorado: (1) . , Integrantes: Otilene dos Anjos Santos - Integrante / José Eduardo Laroz da Silva Ribeiro - Coordenador / Mário Henrique Terra Araujo - Integrante / Aparecida Donisete de Faria - Integrante / Maria de Fátima Figueiredo Melo - Integrante / Carlos Henrique Franciscon - Integrante.

  • 2004 - 2007

    Criação de uma base de dados palinológicos de espécies de plantas da Amazônia., Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Otilene dos Anjos Santos - Integrante / Maria L. Absy - Coordenador / Cleonice O. Moura - Integrante / Silane Aparecida Ferreira Silva - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de desenvolvimento

  • 2013 - 2013

    IX MOSTRA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA UNIVERSIDADE NILTON LINS, Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Otilene Santos Mattos - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro.

  • 2012 - 2012

    VIII MOSTRA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA UNIVERSIDADE NILTON LINS, Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Otilene Santos Mattos - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro.

  • 2012 - 2012

    V ENCONTRO NACIONAL EM BIOLOGIA URBANA, Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Otilene Santos Mattos - Coordenador / Sílvia Justiniano - Integrante / OTILENE SANTOS MATTOS - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2013 - 2013

    IX MOSTRA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA UNIVERSIDADE NILTON LINS, Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Otilene Santos Mattos - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro.

  • 2012 - 2012

    VIII MOSTRA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA UNIVERSIDADE NILTON LINS, Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Otilene Santos Mattos - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro.

  • 2012 - 2012

    V ENCONTRO NACIONAL EM BIOLOGIA URBANA, Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Otilene Santos Mattos - Coordenador / Sílvia Justiniano - Integrante / OTILENE SANTOS MATTOS - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2013 - 2013

    IX MOSTRA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA UNIVERSIDADE NILTON LINS, Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Otilene Santos Mattos - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro.

  • 2012 - 2012

    VIII MOSTRA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA UNIVERSIDADE NILTON LINS, Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Otilene Santos Mattos - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro.

  • 2012 - 2012

    V ENCONTRO NACIONAL EM BIOLOGIA URBANA, Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Otilene Santos Mattos - Coordenador / Sílvia Justiniano - Integrante / OTILENE SANTOS MATTOS - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2017 - Atual

    Aquaponia; Produção sustentável de alimento sem uso de agrotóxicos., Descrição: A sociedade brasileira tem manifestado crescente preocupação com os impactos ambientais da agricultura convencional e seus efeitos sobre a segurança alimentar. O uso excessivo de pesticidas e de fertilizantes sintéticos tem agravado a contaminação dos mananciais e a escassez de água vem afetando todas as regiões do país. Nesse cenário, tornou-se imprescindível a busca por técnicas agrícolas inovadoras que atendam a demanda crescente por alimento saudável produzido de forma sustentável. A aquaponia desponta então, como uma alternativa viável para a construção de um novo paradigma para a agricultura. Esse sistema consiste na integração das técnicas de aquacultura e hidroponia em um sistema fechado de circulação de água. Com o uso da aquaponia é possível chegar a redução no consumo de água em até 95%, se comparada aos sistemas convencionais, além de promover o reaproveitamento integral do efluente gerado dentro do próprio sistema. Os excrementos dos peixes, ricos em nutrientes (principalmente amônia) são filtrados em substratos inertes onde bactérias dos gêneros Nitrosomonas e Nitrobacter convertem em nitrito e nitrato tornando-os acessíveis as plantas. A água retorna purificada aos tanques onde os peixes são cultivados. Além de produzir alimento saudável, a aquaponia não faz uso de agrotóxico e nem de fertilizantes sintéticos. Não causa impacto ao meio ambiente e melhora a qualidade de vida dos produtores e consumidores. No Brasil, a técnica vem ganhando vários adeptos, mas ainda está em fase de experimental e as pesquisas científicas tem focado mais os aspectos técnicos e científicos do que econômicos. Os gargalos existentes para a difusão da técnica são principalmente o custo inicial de instalação e o conhecimento técnico nas áreas de biologia, hidráulica, bioquímica e biotecnologia. No Amazonas, um projeto piloto vem produzindo tambaqui integrado a produção de plantas frutíferas (tomate, pimentão e pimenta) e hortaliças folhosas (alface, manjericão, almeirão, couve e coentro) mostrando resultados bastante promissores. Uma proposta para a produção em escala comercial de peixe e hortaliças com o uso da aquaponial está em construção e será o primeiro empreendimento do porte na região norte. O projeto prevê a construção de um sistema com a produção integrada de tambaqui e hortaliças onde serão avaliados a produtividade, viabilidade econômica a médio e longo prazo e a qualidade dos produtos gerados. O projeto trará benefícios aos piscicultores de pequeno porte ou cooperativas de produtores, pois viabilizará a redução nos gastos operacionais ao mesmo tempo em que gera renda por meio de dois produtos, o peixe e principalmente as hortaliças. A aquaponia tem, portanto, grande potencial de tornar o futuro da prática de aquicultura mais sustentável e rentável. A aquaponia também trará benefícios ambientais e econômicos para o setor de hidroponia, pois, ao reduzir o uso de fertilizantes sintéticos e pesticidas, causará menor impacto ambiental, agregando assim, valor ao produto. Por fim, a aquaponia tem ainda a vantagem de ser usada como ferramenta educativa em escolas e universidades nas áreas de biologia, química, física e áreas afins.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Otilene Santos Mattos - Coordenador / Lígia Uribe Gonçalves - Integrante.

  • 2017 - Atual

    Aquaponia; Produção sustentável de alimento sem uso de agrotóxicos., Descrição: A sociedade brasileira tem manifestado crescente preocupação com os impactos ambientais da agricultura convencional e seus efeitos sobre a segurança alimentar. O uso excessivo de pesticidas e de fertilizantes sintéticos tem agravado a contaminação dos mananciais e a escassez de água vem afetando todas as regiões do país. Nesse cenário, tornou-se imprescindível a busca por técnicas agrícolas inovadoras que atendam a demanda crescente por alimento saudável produzido de forma sustentável. A aquaponia desponta então, como uma alternativa viável para a construção de um novo paradigma para a agricultura. Esse sistema consiste na integração das técnicas de aquacultura e hidroponia em um sistema fechado de circulação de água. Com o uso da aquaponia é possível chegar a redução no consumo de água em até 95%, se comparada aos sistemas convencionais, além de promover o reaproveitamento integral do efluente gerado dentro do próprio sistema. Os excrementos dos peixes, ricos em nutrientes (principalmente amônia) são filtrados em substratos inertes onde bactérias dos gêneros Nitrosomonas e Nitrobacter convertem em nitrito e nitrato tornando-os acessíveis as plantas. A água retorna purificada aos tanques onde os peixes são cultivados. Além de produzir alimento saudável, a aquaponia não faz uso de agrotóxico e nem de fertilizantes sintéticos. Não causa impacto ao meio ambiente e melhora a qualidade de vida dos produtores e consumidores. No Brasil, a técnica vem ganhando vários adeptos, mas ainda está em fase de experimental e as pesquisas científicas tem focado mais os aspectos técnicos e científicos do que econômicos. Os gargalos existentes para a difusão da técnica são principalmente o custo inicial de instalação e o conhecimento técnico nas áreas de biologia, hidráulica, bioquímica e biotecnologia. No Amazonas, um projeto piloto vem produzindo tambaqui integrado a produção de plantas frutíferas (tomate, pimentão e pimenta) e hortaliças folhosas (alface, manjericão, almeirão, couve e coentro) mostrando resultados bastante promissores. Uma proposta para a produção em escala comercial de peixe e hortaliças com o uso da aquaponial está em construção e será o primeiro empreendimento do porte na região norte. O projeto prevê a construção de um sistema com a produção integrada de tambaqui e hortaliças onde serão avaliados a produtividade, viabilidade econômica a médio e longo prazo e a qualidade dos produtos gerados. O projeto trará benefícios aos piscicultores de pequeno porte ou cooperativas de produtores, pois viabilizará a redução nos gastos operacionais ao mesmo tempo em que gera renda por meio de dois produtos, o peixe e principalmente as hortaliças. A aquaponia tem, portanto, grande potencial de tornar o futuro da prática de aquicultura mais sustentável e rentável. A aquaponia também trará benefícios ambientais e econômicos para o setor de hidroponia, pois, ao reduzir o uso de fertilizantes sintéticos e pesticidas, causará menor impacto ambiental, agregando assim, valor ao produto. Por fim, a aquaponia tem ainda a vantagem de ser usada como ferramenta educativa em escolas e universidades nas áreas de biologia, química, física e áreas afins.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Otilene dos Anjos Santos - Coordenador / Lígia Uribe Gonçalves - Integrante.

  • 2018 - Atual

    Aquaponia na universidade como ferramenta interdisciplinar e modelo de negócio sustentável para Amazônia, Descrição: A sociedade brasileira tem manifestado crescente preocupação com os impactos ambientais da agricultura convencional e seus efeitos sobre a segurança alimentar. O uso excessivo de pesticidas e de fertilizantes tem agravado a contaminação dos mananciais e a escassez de água vem afetando todas as regiões do país. Nesse cenário, tornou-se imprescindível a busca por técnicas agrícolas inovadoras que atendam a demanda crescente por alimento saudável produzido de forma sustentável. Desta forma, a aquaponia desponta como uma alternativa viável para a construção de um novo paradigma para a agricultura/piscicultura. Esse sistema consiste da integração simbiótica das técnicas de piscicultura e hidroponia dentro de um sistema fechado de recirculação de água. Com o uso da aquaponia é possível chegar a redução no consumo de água em até 95%, se comparada aos sistemas convencionais, além de promover o reaproveitamento integral do efluente gerado dentro do próprio sistema. Os efluentes ricos em nutrientes dos tanques são filtrados em substratos inertes onde bactérias metabolizam os dejetos dos peixes, tornando-os acessíveis as plantas. A água retorna purificada aos tanques onde os peixes são cultivados. A presente proposta tem o objetivo de avaliar e desenvolver um sistema de aquaponia como potencial fonte de alimento saudável produzido de forma sustentável. Serão avaliados a produtividade, viabilidade econômica e qualidade dos produtos gerados, bem como, o uso do sistema como ferramenta didática multidisciplinar. O projeto beneficiará piscicultores de pequeno porte ou cooperativas de produtores, pois permitirá redução nos gastos operacionais ao mesmo tempo em que gera renda por meio de dois produtos, o peixe e principalmente as hortaliças. A aquaponia tem, portanto, grande potencial de tornar o futuro da prática de aquicultura mais sustentável e rentável. A aquaponia também trará benefícios ambientais e econômicos para o setor de hidroponia, pois, ao reduzir o uso de fertilizantes e pesticidas, causará menor impacto ambiental, agregando assim, valor ao produto. Por fim, a aquaponia tem ainda a vantagem de ser usada como ferramenta educativa em escolas e universidades nas áreas de biologia, química, engenharia ambiental, engenharia de pesca, agronomia e áreas afins.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Otilene dos Anjos Santos - Coordenador / Lígia Uribe Gonçalves - Integrante / Cleusa Suzana Oliveira de Araújo - Integrante / Moisés Santos de Souza - Integrante / Marcelo Rodrigues dos Anjos - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro.

  • 2018 - Atual

    Aquaponia na universidade como ferramenta interdisciplinar e modelo de negócio sustentável para Amazônia, Descrição: A sociedade brasileira tem manifestado crescente preocupação com os impactos ambientais da agricultura convencional e seus efeitos sobre a segurança alimentar. O uso excessivo de pesticidas e de fertilizantes tem agravado a contaminação dos mananciais e a escassez de água vem afetando todas as regiões do país. Nesse cenário, tornou-se imprescindível a busca por técnicas agrícolas inovadoras que atendam a demanda crescente por alimento saudável produzido de forma sustentável. Desta forma, a aquaponia desponta como uma alternativa viável para a construção de um novo paradigma para a agricultura/piscicultura. Esse sistema consiste da integração simbiótica das técnicas de piscicultura e hidroponia dentro de um sistema fechado de recirculação de água. Com o uso da aquaponia é possível chegar a redução no consumo de água em até 95%, se comparada aos sistemas convencionais, além de promover o reaproveitamento integral do efluente gerado dentro do próprio sistema. Os efluentes ricos em nutrientes dos tanques são filtrados em substratos inertes onde bactérias metabolizam os dejetos dos peixes, tornando-os acessíveis as plantas. A água retorna purificada aos tanques onde os peixes são cultivados. A presente proposta tem o objetivo de avaliar e desenvolver um sistema de aquaponia como potencial fonte de alimento saudável produzido de forma sustentável. Serão avaliados a produtividade, viabilidade econômica e qualidade dos produtos gerados, bem como, o uso do sistema como ferramenta didática multidisciplinar. O projeto beneficiará piscicultores de pequeno porte ou cooperativas de produtores, pois permitirá redução nos gastos operacionais ao mesmo tempo em que gera renda por meio de dois produtos, o peixe e principalmente as hortaliças. A aquaponia tem, portanto, grande potencial de tornar o futuro da prática de aquicultura mais sustentável e rentável. A aquaponia também trará benefícios ambientais e econômicos para o setor de hidroponia, pois, ao reduzir o uso de fertilizantes e pesticidas, causará menor impacto ambiental, agregando assim, valor ao produto. Por fim, a aquaponia tem ainda a vantagem de ser usada como ferramenta educativa em escolas e universidades nas áreas de biologia, química, engenharia ambiental, engenharia de pesca, agronomia e áreas afins.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Otilene dos Anjos Santos - Coordenador / Lígia Uribe Gonçalves - Integrante / Cleusa Suzana Oliveira de Araújo - Integrante / Moisés Santos de Souza - Integrante / Marcelo Rodrigues dos Anjos - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro.

  • 2018 - Atual

    Aquaponia na universidade como ferramenta interdisciplinar e modelo de negócio sustentável para Amazônia, Descrição: A sociedade brasileira tem manifestado crescente preocupação com os impactos ambientais da agricultura convencional e seus efeitos sobre a segurança alimentar. O uso excessivo de pesticidas e de fertilizantes tem agravado a contaminação dos mananciais e a escassez de água vem afetando todas as regiões do país. Nesse cenário, tornou-se imprescindível a busca por técnicas agrícolas inovadoras que atendam a demanda crescente por alimento saudável produzido de forma sustentável. Desta forma, a aquaponia desponta como uma alternativa viável para a construção de um novo paradigma para a agricultura/piscicultura. Esse sistema consiste da integração simbiótica das técnicas de piscicultura e hidroponia dentro de um sistema fechado de recirculação de água. Com o uso da aquaponia é possível chegar a redução no consumo de água em até 95%, se comparada aos sistemas convencionais, além de promover o reaproveitamento integral do efluente gerado dentro do próprio sistema. Os efluentes ricos em nutrientes dos tanques são filtrados em substratos inertes onde bactérias metabolizam os dejetos dos peixes, tornando-os acessíveis as plantas. A água retorna purificada aos tanques onde os peixes são cultivados. A presente proposta tem o objetivo de avaliar e desenvolver um sistema de aquaponia como potencial fonte de alimento saudável produzido de forma sustentável. Serão avaliados a produtividade, viabilidade econômica e qualidade dos produtos gerados, bem como, o uso do sistema como ferramenta didática multidisciplinar. O projeto beneficiará piscicultores de pequeno porte ou cooperativas de produtores, pois permitirá redução nos gastos operacionais ao mesmo tempo em que gera renda por meio de dois produtos, o peixe e principalmente as hortaliças. A aquaponia tem, portanto, grande potencial de tornar o futuro da prática de aquicultura mais sustentável e rentável. A aquaponia também trará benefícios ambientais e econômicos para o setor de hidroponia, pois, ao reduzir o uso de fertilizantes e pesticidas, causará menor impacto ambiental, agregando assim, valor ao produto. Por fim, a aquaponia tem ainda a vantagem de ser usada como ferramenta educativa em escolas e universidades nas áreas de biologia, química, engenharia ambiental, engenharia de pesca, agronomia e áreas afins.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Otilene dos Anjos Santos - Coordenador / Lígia Uribe Gonçalves - Integrante / Cleusa Suzana Oliveira de Araújo - Integrante / Moisés Santos de Souza - Integrante / Marcelo Rodrigues dos Anjos - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Prêmios

2018

EcoInovação: Desafio - Água: Aquaponia, SEBRAE e ONU Meio Ambiente.

2017

Prêmio Samuel Benchimol e Banco da Amazônia de Empreendedorismo Consciente na Categoria Iniciativa de Desenvolvimento Local (IDL), FIEAM.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Universidade Federal do Amazonas, Instituto de Educação, Agricultura e Meio Ambiente. , Rua 29 de Agosto, 786, Espírito Santo, 69800000 - Humaitá, AM - Brasil, Telefone: (69) 999953477

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2014 - 2016

    Universidade Federal do Oeste do Pará

    Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador Colaborador

  • 2012 - 2015

    Universidade Nilton Lins

    Vínculo: Professora Graduação, Enquadramento Funcional: Professora de Metodologia Científica, Carga horária: 10

  • 2012 - 2015

    Universidade Nilton Lins

    Vínculo: Celetista formal, Enquadramento Funcional: Coordenação Programa Ciência sem Fronteiras

  • 2012 - 2015

    Universidade Nilton Lins

    Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professora da Disciplina Botânica - Graduação

  • 2011 - 2015

    Universidade Nilton Lins

    Vínculo: Celetista formal, Enquadramento Funcional: Professora e Pesquisadora Pós-graduação, Carga horária: 40

  • 2011 - 2015

    Universidade Nilton Lins

    Vínculo: Celetista formal, Enquadramento Funcional: Coordenação de Iniciação Científica - PIBIC

  • 2012 - 2014

    Universidade Nilton Lins

    Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor Sistemática Filogenética

  • 2013 - 2013

    Universidade do Estado do Amazonas

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Professor do PARFOR, Carga horária: 2

  • 2017 - 2017

    Universidade Federal de Rondônia

    Vínculo: Professor Colaborador, Enquadramento Funcional: Palestrante no Curso de Ciências Biológicas, Carga horária: 2

    Atividades

    • 10/2017

      Pesquisa e desenvolvimento , Departamento de Ciências Biológicas- Campus de Porto Velho, .,Linhas de pesquisa

  • 2018 - Atual

    Universidade Federal do Amazonas

    Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Professor colaborador, Carga horária: 2

    Atividades

    • 04/2018

      Pesquisa e desenvolvimento , Instituto de Educação, Agricultura e Meio Ambiente, .,Linhas de pesquisa