José Enéas Schramm Júnior

Doutorando em Ecologia de interação - UFBA - Universidade Federal da Bahia (2016). Mestre em Zoologia com ênfase em Redes Ecológicas - UEFS - Universidade Estadual de Feira de Santana (2015). Especialização em Gestão de Pessoas pela Faculdades Olga Mettig (2005). Graduação em Administração pelo Centro Federal de Educação Tecnológica da Bahia (1999). Extensão em Capacitação de Monitores de I.T.C.P. - Unicamp (2008). Graduação em Filosofia (incompleto) - UFBa (1997). Graduação em Saneamento Ambiental (incompleto) - Unicamp (2008).

Informações coletadas do Lattes em 24/06/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em andamento em Ecologia e Biomonitoramento

2016 - Atual

Universidade Federal da Bahia
Título: As interações envolvendo formigas e plantas são mutualistas ou só as plantas se beneficiam?,
Orientador: em Instituto de Ecologia A.C ( Wesley Dáttilo)
com Mauro Ramalho. Coorientador: Wesley Dáttilo. Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia, FAPESB, Brasil. Palavras-chave: Ecologia de interação formiga/planta; Mutualismo difuso; Néctar extrafloral; RMN - Ressonância Magnética Nuclear.Grande área: Ciências Biológicas

Mestrado em Zoologia

2013 - 2015

Universidade Estadual de Feira de Santana
Título: Formigas dormem, plantas não: a variação no período de atividade das espécies influencia a topologia das redes de interação entre formigas e plantas,Ano de Obtenção: 2015
Gilberto Marcos Mendonça Santos.Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Grande área: Ciências BiológicasGrande Área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Comportamento Animal.

Especialização em Gestão de Pessoas

2004 - 2006

Faculdades Integradas Olga Mettig
Título: A Espiritualidade e o Trabalho
Orientador: Ana Maria Garcia

Graduação em Administação Hoteleira

1994 - 1999

Instituto Federal da Bahia

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2015 - 2015

Auditoria Ambiental. (Carga horária: 80h). , Instituto Politécnico de Ensino à Distância, IPED, Brasil.

2014 - 2014

Estrutura e Dinâmica de Redes Ecológicas. (Carga horária: 60h). , Universidade de São Paulo, USP, Brasil.

2013 - 2013

Uso de isótopos estáveis em ecologia trófica. (Carga horária: 16h). , Universidade Estadual de Feira de Santana, UEFS, Brasil.

2008 - 2008

Extensão universitária em Formação de monitores em cooperativismo e ECOSOL. (Carga horária: 180h). , INCUBADORAS TECNOLÓGICAS DE COOPERATIVAS POPULARES DA UNICAMP, ITCP/UNICAMP, Brasil.

2008 - 2008

Biologia da Conservação e Manejo vida silvestre. (Carga horária: 56h). , Instituto de Pesquisas Ecológicas, IPÊ, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Bandeira representando o idioma Inglês

Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.

Bandeira representando o idioma Espanhol

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Carlos Alfredo Lopes de Carvalho

FEITOSA, R. S. M.;SANTOS, Gilberto Marcos de MendonçaCARVALHO, C. A. L. de. Formigas dormem, plantas não: a variação no período de atividades das espécies influencia a topologia das redes de interação entre formigas e plantas. 2015. Dissertação (Mestrado em Zoologia) - Universidade Estadual de Feira de Santana.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Gilberto Marcos de Mendonça Santos

Formigas dormem, plantas não: a variação no período de atividade das espécies influencia a topologia das redes de interação entre formigas e plantas; 2015; Dissertação (Mestrado em Programa de Pós Graduação em Zoologia) - Universidade Estadual de Feira de Santana, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Gilberto Marcos de Mendonça Santos;

MAURO RAMALHO

Interações entre formigas e plantas são mutualistas ou só as plantas se beneficiam?; Início: 2016; Tese (Doutorado em Doutorado em Ecologia) - Universidade Federal da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; (Orientador);

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • PEIXOTO, Paulo Enrique C. ; Souza, José C. ; SCHRAMM JÚNIOR, J. E. . To be or not to be a flower? A test of possible cues influencing hunting site selection in subadult females of the crab spider (Guerin 1812) (Araneae: Thomisidae). Studies on Neotropical Fauna and Environment , v. 47, p. 73-79, 2012.

  • SCHRAMM JÚNIOR, J. E. . Topologia de Redes de Interações Ecológicas: ferramentas e aplicação. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

Schramm, José Enéas . Estatística Aplicada a Ecologia e Zoologia. 2013. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

SCHRAMM JÚNIOR, J. E. . Mandalas Fotográficas. 2013. Fotografia.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2016 - Atual

    Mutualismo contexto dependente: como processos ecológicos moldam as interações mutualistas entre formigas em nectário extra floral de plantas, Descrição: Projeto de doutorado divido em três capítulos onde o objetivo geral é avaliar a hipótese de que o mutualismo entre formigas em nectário extra floral de plantas é estruturado a partir da influência de quatro teorias ecológicas: teoria de defesa ótima, teoria de forrageamento ótimo/estequiometria ecológica e competição.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Doutorado: (1) . , Integrantes: José Enéas Schramm Júnior - Coordenador / Wesley Dáttilo - Integrante / Mauro Ramalho - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia - Bolsa.

  • 2013 - 2015

    Formigas dormem, plantas não: a variação no período de atividade das espécies influencia a topologia das redes de interação entre formigas e plantas, Descrição: Nós testamos a hipótese de que variação temporal no comportamento das espécies afeta a topologia das redes. Utilizamos a abordagem de redes ecológicas tendo como objeto de estudo formigas com interação em nectário extrafloral (NEF) de plantas. Com o advento da teoria dos grafos, a abordagem de redes complexas passou a ser usada para agregar informações detalhadas sobre as interações entre as espécies. Apesar dos avanços no entendimento da estruturação de comunidades com o uso da abordagem de redes complexas, ainda existem pontos pouco explorados, por exemplo, poucas redes levam em consideração a variações temporal no padrão de atividade das espécies e não avaliam o impacto da temporalidade na topologia das mesmas. A fim de avaliar o efeito temporal sobre as redes de interação, realizamos as coletas com duração de 24 h divididas em dois turnos de 12 h (diurno e noturno). As redes apresentaram similaridade entre as métricas topológicas avaliadas demonstrando que variação temporal não afeta na sua estrutura. No entanto, as espécies de formigas apresentaram grande variação temporal, enquanto que as plantas mantiveram ativas durante todo o dia. Tais resultados mostram que as redes ecológicas mantém suas estruturas constantes, mas os processos ecológicos que regem essas redes podem responder melhor os efeitos causados, por exemplo, pela variação temporal da atividade das espécies.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: José Enéas Schramm Júnior - Coordenador / Gilberto Marcos de Mendonça Santos - Integrante.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

2016 - Atual

Universidade Federal da Bahia

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista doutorado FAPESB, Regime: Dedicação exclusiva.

Outras informações:
Aluno de Doutorado em Ecologia da UFBA - Universidade Federal da Bahia, com bolsa da FAPESB

2017 - 2017

Universidade Federal da Bahia

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Monitor disciplina mestrado profissional, Carga horária: 68

Outras informações:
Monitor no módulo ?Ecologia de Populações e Ecologia de Comunidades (BIOB49 BIOB59), 68 horas, sob minha coordenação, no período de 09, 10, 11, 16, 17 e 18 de fevereiro, e 02, 03, 04 de março de 2017, na sede deste Mestrado Profissional em Ecologia, na Universidade Federal da Bahia, em Salvador.

2013 - 2013

Universidade Estadual de Feira de Santana

Vínculo: Aluno de mestrado, Enquadramento Funcional: Aluno de mestrado, Carga horária: 8

Outras informações:
Ministrante do mini-curso: Estatística aplicada a ecologia e zoologia

2012 - 2013

Universidade Estadual de Feira de Santana

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Apoio Técnico Administrativo - ATP -A-A, Carga horária: 20

Outras informações:
Processo: 370993/2012-8 - CNPq ? Apoio à execução, por meio de atividades técnicas administrativas, tais como: Cotação de preços para aquisição de equipamentos; Organização dos processos administrativos referentes aos docentes e discentes ligados aos subprojetos; Instalação e manutenção de Estações Meteorológicas e coleta de dados climatológicos; Apoio técnico em coleta de campo; Integração e envolvimento com a comunidade local sensibilizando para a importância da presença dos pesquisadores e das coletas de campos.

2009 - 2009

INCUBADORAS TECNOLÓGICAS DE COOPERATIVAS POPULARES DA UNICAMP

Vínculo: , Enquadramento Funcional:

2001 - 2004

COLÉGIO ESTADUAL JUTAHY MAGALHÃES

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Contrato REDA, Carga horária: 40

Outras informações:
Professor ensino médio das disciplinas de química e filosofia

1993 - 1998

Telematic - Telecomunicações e Informática

Vínculo: Contrato de trabalho, Enquadramento Funcional: Digitador, Carga horária: 40