Andrea Sannazzaro Ribeiro

Doutora em História pela Universidade Federal de Ouro Preto, area de concentração Poder e Linguagens. Licenciada e Bacharela em História pela Universidade Federal de Ouro Preto, Instituto de Ciências Humanas e Sociais. Mestra em Artes Cênicas pela mesma instituição no departamento de Artes Cênicas do Instituto de Filosofia,Artes e Cultura na linha de pesquisa: Estética, Critica e História das Artes Cênicas.

Informações coletadas do Lattes em 05/01/2022

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em História

2017 - 2021

Universidade Federal de Ouro Preto
Título: Transgressão feminina na esfera teatral oitocentista brasileira: Abolicionismo, Maternidade e Emancipação na dramaturgia de Maria Angélica Ribeiro
Luciana da Costa Dias.

Mestrado em Artes Cênicas

2015 - 2017

Universidade Federal de Ouro Preto
Título: A PRESENÇA E A COMÉDIA:a obra de Martins Pena e a cena nacional.,Ano de Obtenção: 2017
Luciana da Costa Dias.Coorientador: Marcelo de Mello Rangel. Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Grande área: Ciências HumanasGrande Área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: Estética e Filosofia da Arte. Grande Área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Artes / Subárea: Historiografia do teatro Brasileiro.

Graduação em História - Licenciatura Ou Bacharelado

2009 - 2014

Universidade Federal de Ouro Preto
Título: ?O Riso Nacional em Cena?. Martins Pena e a Comédia Romântica no oitocentos.
Orientador: Helena Miranda Mollo

Graduação em História - Licenciatura Ou Bacharelado

2009 - 2013

Universidade Federal de Ouro Preto
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2018 - 2018

?Capacitação de Professores sobre a Política e a Metodologia de Atendimento. (Carga horária: 4h). , Secretária de Estado de Segurança Pública, SESP, Brasil.

2017 - 2017

Poéticas Autoficcionais na Arte Contemporânea. (Carga horária: 12h). , Fundação Municipal de Cultura de Belo Horizonte, FMC, Brasil.

2017 - 2017

Arte e Experiência Estética na Contemporaneidade. (Carga horária: 480h). , Sesc, SESC, Brasil.

2016 - 2016

Afinidades Eletivas: tempo e memória na História, na literatura e no cinema. (Carga horária: 4h). , Universidade Federal de Ouro Preto, UFOP, Brasil.

2016 - 2016

Shakespeare: autor, obra e tempo.. (Carga horária: 2h). , Centro de Formação Artística e Tecnológica, CEFART, Brasil.

2016 - 2016

Fenomenologia, hermenêutica e Teoria da Historia.. (Carga horária: 8h). , Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.

2016 - 2016

A TRADUÇÃO E O INTRADUZÍVEL. (Carga horária: 3h). , Universidade Federal de Ouro Preto, UFOP, Brasil.

2016 - 2016

Censor at work:how states shaped literature. (Carga horária: 2h). , Universidade Federal de Ouro Preto, UFOP, Brasil.

2016 - 2016

História, modernidade e ética em Benjamin e Derrida.. (Carga horária: 4h). , Universidade Federal de Ouro Preto, UFOP, Brasil.

2014 - 2014

Historiografia Moçambicana e Historiografia Africana,. (Carga horária: 4h). , Universidade Federal de Ouro Preto, UFOP, Brasil.

2011 - 2011

O Imperador Juliano entre a Filosofia neoplatônica e a Arte Militar. (Carga horária: 4h). , Universidade Federal de Ouro Preto, UFOP, Brasil.

2010 - 2010

História do Cinema Brasileiro na Década de 30. (Carga horária: 10h). , V Mostra de Cinema de Ouro Preto, CINEOP, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Bandeira representando o idioma Inglês

Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Bandeira representando o idioma Espanhol

Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.

Bandeira representando o idioma Italiano

Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

Grande área: Ciências Humanas / Área: História.

Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História do Teatro.

Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História do Brasil/Especialidade: História do Brasil Império.

Grande área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: Estética e Filosofia da Arte.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

SANNAZZARO, Andréa. . Caminhos da Pesquisa em Artes Cênicas- II Seminário de Pesquisa do Programa de Pós Graduação em Artes Cênicas PPGAC/IFAC/UFOP. 2015. (Congresso).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

IX Seminário Brasileiro de História da Historiografia.A Cena nacional na primeira metade dos oitocentos: Martins Pena e Gonçalves de Magalhães. 2016. (Seminário).

V Encontro de Pesquisa em História/EPHIS 2016 -Simposio temático:Culturas políticas, artes e sensibilidades nos séculos XIX e XX.O Teatro brasileiro entre a formação da identidade nacional e a sátira. 2016. (Encontro).

XVIIII Simpósio Nacional de História-simpósio temático: História e Teatro..Gonçalves de Magalhães e Martins Pena. Tragédia e Comédia Teatral: duas faces da mesma moeda, Melancolia oitocentista e formação da identidade nacional brasileira.. 2015. (Seminário).

II Encontro de Pesquisa em Historia da UFMG- EPHIS.Martins Pena e o Teatro de Costumes no Brasil Império: uma leitura da Nação em O Juiz de Paz na Roça. 2013. (Encontro).

VIII Semana de História Politica - V Seminário Nacionail de História: Politica, Cultura e Sociedade.Martins Pena e o Teatro como espelho da sociedade. 2013. (Seminário).

I Encontro de Pesquisa em História da UFMG - EPHIS.Martins Pena e o Teatro de Costumes no Brasil Império: Uma leitura da Nação em O Juiz de Paz na Roça. 2012. (Encontro).

VII Semana de História Política | IV Seminário Nacional de História: política, cultura & sociedade.Martins Pena e o Teatro de Costumes no Brasil Império: uma leitura da Nação em O Juiz de Paz na Roça. 2012. (Seminário).

I Encontro Regional de Pesquisadores em História de Minas Gerais (30 horas). 2011. (Encontro).

O Imperador Juliano entre a FIlosofia Neoplatônica e a Arte Militar. 2011. (Outra).

História do Cinema Brasileiro na Década de 30 (10 horas/aula). 2010. (Oficina).

Festival Estudantil de Teatro 20 h/ aula. 2009. (Oficina).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

SANNAZZARO, Andréa.; PERETTA, Éden; GOMES, R.. Comissão de Bolsas do PPGAC. 2016. Universidade Federal de Ouro Preto.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Gustavo Naves Franco

DIAS, Luciana da Costa.; RANGEL, M. M.; MACIEL, P. C.; MOLLO, H. M.;FRANCO, G. N.. "Presença e Comédia: o teatro de Martins Pena e a busca da nacionalidade (1838-1847)". 2017. Dissertação (Mestrado em Artes Cênicas) - Universidade Federal de Ouro Preto.

Helena Miranda Mollo

RANGEL, M. M.; DIAS, L. C.;MOLLO, H. M.. O riso nacional em cena. Martins Pena e a comédia romântica no oitocentos. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Ouro Preto.

Paulo Marcos Cardoso Maciel

MACIEL, Paulo Marcos Cardoso; Dias, L. da Costa; RANGEL, Marcelo de Mello; MOLLO, Helena Miranda; FRANCO, Gustavo Naves. Presença e Comédia: o teatro de Martins Pena e a busca da nacionalidade (1838-1847). 2017. Dissertação (Mestrado em Artes Cênicas) - Universidade Federal de Ouro Preto.

Elen de Medeiros

DIAS, L. C.; MOLLO, H. M.;MEDEIROS, E.. A presença e a comédia: a obra de Martins Pena e a cena nacional. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Artes Cênicas) - Universidade Federal de Ouro Preto.

LUCIANA DA COSTA DIAS

MOLLO, H. M.;DA COSTA DIAS, LUCIANA; PEREIRA, L. R.; RANGEL, M. M.; RIBEIRO, A. S.. A esfera teatral oitocentista em tensão: Maria Angélica Ribeiro e a posição feminina no espaço público (co-orientadora). 2019. Exame de qualificação (Doutorando em História) - Universidade Federal de Ouro Preto.

LUCIANA DA COSTA DIAS

MOLLO, H.;DIAS, Luciana da Costa; RANGEL, M. M.. O Riso Nacional em cena: Martins Pena e a Comédia Romântica no oitocentos. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História - Licenciatura Ou Bacharelado) - Universidade Federal de Ouro Preto.

Marcelo de Mello Rangel

DIAS, L.RANGEL, M. M.MOLLO, H. M.; MACIEL, P.;FRANCO, Gustavo Naves. Presença e Comédia: O teatro de Martins Pena e a busca da nacionalidade (1838 - 1847). 2017. Dissertação (Mestrado em Artes Cênicas) - Universidade Federal de Ouro Preto.

Marcelo de Mello Rangel

DIAS, L.RANGEL, MARCELO DE MELLO; GAIO, G.; ROCHA, K.; ANDRADE, V.. Transgressão feminina na esfera teatral oitocentista brasileira: Abolicionismo, Maternidade e Emancipação na dramaturgia de Maria Angélica Ribeiro. 2021. Tese (Doutorado em HISTORIA) - Universidade Federal de Ouro Preto.

Marcelo de Mello Rangel

MOLLO, H. M.DIAS, L.RANGEL, MARCELO DE MELLOPEREIRA, L. R.. A esfera teatral oitocentista em tensão: Maria Angélica Ribeiro e a posição feminina no espaço público.. 2019. Exame de qualificação (Doutorando em HISTORIA) - Universidade Federal de Ouro Preto.

Marcelo de Mello Rangel

MOLLO, H.;RANGEL, M. M.DIAS, L.. O Riso Nacional em Cena: Martins Pena e a comédia romântica no oitocentos. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História - Licenciatura Ou Bacharelado) - Universidade Federal de Ouro Preto.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Helena Miranda Mollo

A experiência teatral no oitocentos: projetos constituintes da nação e narrativas em disputa; Início: 2017; Tese (Doutorado em História) - Universidade Federal de Ouro Preto; (Orientador);

Helena Miranda Mollo

A experiência teatral no oitocentos: narrativas em disputa; 2018; Tese (Doutorado em História) - Universidade Federal de Ouro Preto,; Orientador: Helena Miranda Mollo;

Helena Miranda Mollo

Riso em cena: Martins Pena e a comédia romântica no Oitocentos; 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em História) - Universidade Federal de Ouro Preto; Orientador: Helena Miranda Mollo;

LUCIANA DA COSTA DIAS

Presença e Comédia: o teatro de Martins Pena e a busca da nacionalidade (1838-1847); 2017; Dissertação (Mestrado em Artes Cênicas) - Universidade Federal de Ouro Preto, UFOP; Orientador: Luciana da Costa Dias;

LUCIANA DA COSTA DIAS

Transgressão feminina na esfera teatral oitocentista brasileira: Abolicionismo, Maternidade e Emancipação na dramaturgia de Maria Angélica; 2021; Tese (Doutorado em História) - Universidade Federal de Ouro Preto,; Orientador: Luciana da Costa Dias;

LUCIANA DA COSTA DIAS

Martins Pena e o Teatro como espelho da sociedade; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em História - Licenciatura Ou Bacharelado) - Universidade Federal de Ouro Preto, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Luciana da Costa Dias;

LUCIANA DA COSTA DIAS

Martins Pena e o Teatro de Costumes no Brasil Império: uma leitura da Nação em; 2012; Iniciação Científica; (Graduando em História - Licenciatura Ou Bacharelado) - Universidade Federal de Ouro Preto, UFOP; Orientador: Luciana da Costa Dias;

Marcelo de Mello Rangel

Presença e Comédia: O teatro de Martins Pena e a busca da nacionalidade (1838 - 1847); 2017; Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação e de Artes cênicas) - Universidade Federal de Ouro Preto, UFOP/CAPES; Coorientador: Marcelo de Mello Rangel;

Francisco Eduardo de Andrade

Cidade e cidadania: 300 anos da Câmara Municipal de Mariana; 2011; Orientação de outra natureza; (História) - Universidade Federal de Ouro Preto, Pró-reitoria de Extensão/ Ministério da Educação; Orientador: Francisco Eduardo de Andrade;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • RIBEIRO, ANDRÉA SANNAZZARO . ENSINO DE HISTÓRIA NO SISTEMA SOCIOEDUCATIVO: DESAFIOS E POSSIBILIDADES PARA PROBLEMATIZAÇÃO DA CONSCIÊNCIA HISTÓRICA. REVISTA TRANSVERSOS , v. 1, p. 198-214, 2020.

  • SANNAZZARO, Andréa. . Martins Pena, Um homem do teatro na crítica literária brasileira.. Opiniães: revista dos alunos de Literatura Brasileira , v. 8, p. 69-79, 2016.

  • SANNAZZARO, Andréa. . O Papel dos Folhetins da Semana Lírica (1846 -1847) na construção da esfera teatral brasileira e o fortalecimento de sua autonomia através do exercício da crítica.. In: XXXIII SEMANA DE HISTÓRIA: REPRESENTAÇÕES ARTÍSTICAS BRASILEIRAS: DO SEGUNDO REINADO À ERA VARGAS, 2017, JUIZ DE FORA. Anais da XXXIII Semana de História da Universidade Federal de Juiz de Fora. ?Representações artísticas brasileiras: Do Segundo Reinado à Era Vargas?, 2017.

  • SANNAZZARO, Andréa. . Por uma encenação da comédia nacional: Martins Pena e o vislumbre da cena para além do texto.. In: Caminhos da Pesquisa em Artes Cênicas - Seminário de Pesquisa do Programa de Pós-Graduação e doDepartamento de Artes Cênicas do Instituto de Filosofia, Artes e Cultura da Universidade Federal de Ouro Preto, 2016, Ouro Preto. Anais do II Seminário de Pesquisa do Programa de PósGraduação e do Departamento de Artes Cênicas do Instituto de Filosofia, Artes e Cultura da Universidade Federal de Ouro Preto. Vitória - Es: Editora Cousa, 2016.

  • SANNAZZARO, Andréa. . Tragédia e Comédia Teatral: duas faces da mesma moeda, Melancolia oitocentista e formação da identidade nacional brasileira.. In: XVIII Simpósio Nacional de História da Anpuh, 2015, FLORIANOPOLIS- SC. Gonçalves de Magalhães e Martins Pena. Tragédia e Comédia Teatral: duas faces da mesma moeda, Melancolia oitocentista e formação da identidade nacional brasileira., 2015.

  • SANNAZZARO, Andréa. . Martins Pena e o Teatro como espelho da sociedade. In: VIII Semana de História Politica - V Seminário Nacionail de História: Politica, Cultura e Sociedade, 2013, Rio de Janeiro. Anais da VIII Semana de História Politica da UERJ, 2013. v. 3.

  • SANNAZZARO, Andréa. . A Cena Nacional na primeira metade dos oitocentos: Martins Pena e Gonçalves de Magalhães.. In: IX Seminário Brasileiro De Historia da Historiografia, 2016, Vitória. IX Seminário Brasileiro De Historia da Historiografia, 2016.

  • SANNAZZARO, Andréa. . MARTINS PENA E O TEATRO COMO ESPELHO DA SOCIEDADE.. In: Semana de Iniciação Cientifica da UFOP, 2014, Ouro Preto. Anais do SEIC-UFOP, 2014.

  • SANNAZZARO, Andréa. . Martins Pena e o Teatro como espelho da sociedade. In: VIII Semana de História Politica - V Seminário Nacionail de História: Politica, Cultura e Sociedade, 2013, Rio de Janeiro. Caderno de Resumos - VIII Semana de História Politica da UERJ, 2013. v. 1.

  • SANNAZZARO, Andréa. . MARTINS PENA E O TEATRO DE COSTUMES NO BRASIL IMPÉRIO: UMA LEITURA DA NAÇÃO EM 'O JUIZ DE PAZ NA ROÇA'. In: Semana de Iniciação Cientifica da UFOP, 2013, Ouro Preto. Anais do Seic - UFOP, 2013.

  • SANNAZZARO, Andréa. . O Papel dos Folhetins da Semana Lírica (1846 -1847) na construção da esfera teatral brasileira e o fortalecimento de sua autonomia através do exercício da crítica.. 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • SANNAZZARO, Andréa. . 'Romantismo no Brasil: a obra de Martins Pena'. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • SANNAZZARO, Andréa. . A Cena Nacional na primeira metade dos oitocentos: Martins Pena e Gonçalves de Magalhães. 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • SANNAZZARO, Andréa. . O Teatro brasileiro entre a formação da identidade nacional e a sátira 'Antônio José e o Poeta e a Inquisição' e ' O Juiz de Paz na Roça' -. 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • SANNAZZARO, Andréa. . Gonçalves de Magalhães e Martins Pena. Tragédia e Comédia Teatral: duas faces da mesma moeda, Melancolia oitocentista e formação da identidade nacional brasileira.. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • SANNAZZARO, Andréa. . Por uma encenação da comédia nacional: Martins Pena e o vislumbre da cena para além do texto.. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • SANNAZZARO, Andréa. . Martins Pena e o Teatro Como Espelho da Sociedade. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • SANNAZZARO, Andréa. . MARTINS PENA E O TEATRO COMO ESPELHO DA SOCIEDADE.. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • SANNAZZARO, Andréa. . Martins Pena e o teatro como espelho da sociedade. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • SANNAZZARO, Andréa. . Martins Pena e o Teatro de Costumes no Brasil Império: Uma leitura da Nação Em O Juiz de Paz na Roça.. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • SANNAZZARO, Andréa. . Martins Pena e o Teatro de Costumes no Brasil Império: Uma leitura da Nação em O Juiz de Paz na Roça. 2012. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • SANNAZZARO, Andréa. . Anais do II Seminário de Pesquisa do Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas. Editora Cousa: Cousa, 2016 (colaboradora).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

RIBEIRO, ANDRÉA SANNAZZARO . Na História: Revoltas no Império. 2020.

RIBEIRO, ANDRÉA SANNAZZARO . Na História: Revolução Francesa. 2020.

SANNAZZARO, Andréa. . Profa.Sannazzaro. 2020; Tema: Divulgação de conteúdo de Ciências Humanas. (Rede social).

SANNAZZARO, Andréa. . Seminário de Pesquisa do PPGAC/UFOP. 2015; Tema: Divulgação de Seminário de Pesquisa. (Blog).

SANNAZZARO, Andréa. . Júbilo e Prazer, Melancolia e Ceticismo: Panorama da Comédia Teatral. 2016. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2013 - 2014

    Martins Pena e o Teatro como espelho da sociedade, Descrição: Nesta pesquisa, pretende-se, por meio das peças ?Os Dois ou o Inglês e O Maquinista? e ?As Casadas Solteiras?, de sua autoria, estender a investigação de como sua obra pode servir de espelho para a compreensão da sociedade brasileira e de seus costumes no momento em que esta começava a criar raízes autônomas e a estabelecer projetos para a consecução de uma identidade nacional. As obras citadas serão analisadas como fonte capaz de contribuir para o conhecimento histórico do período, objetivando-se assim construir um diálogo entre teatro, sua função simbólica e representatividade social.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Andréa Sannazzaro Ribeiro - Integrante / Luciana da Costa Dias - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2013 - 2014

    ?O Riso Nacional em Cena?. Martins Pena e a Comédia Romântica no oitocentos., Descrição: A obra de Martins Pena vai de 1833 a 1845 dessa forma, o estudo da produção teatral de Martins Pena mostra-se fecundo sob a luz dos acontecimentos de sua época, pois é capaz de proporcionar condições de possibilidade para a investigação da construção de um imaginário social no que concerne aos elementos constituintes da identidade nacional brasileira. Nas peças aqui trabalhadas questões como o tráfico negreiro, as festas populares, a criação dos juizados, revelam um teatro preocupado com os problemas de seu tempo presente. A comédia surge aqui pelo viés da crítica ao revelar vícios e desmazelas, entre a ordem e práticas da sociedade. Através de uma estética para uma sociedade que precisa ser tocada pela emoção para se civilizar, ideal central das artes no momento em que viveu, Pena buscou um teatro que se propunha a refletir através do riso. Deste modo o comediógrafo revela insatisfação para com a ordem social que contesta, o riso é reflexo do incomodo, leva o seu público a pensar essa jovem nação ao expor suas características neste lugar de grande circularidade social, na capital do Império, o teatro. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Andréa Sannazzaro Ribeiro - Integrante / Helena Miranda Mollo - Coordenador.

  • 2012 - 2013

    Martins Pena e o Teatro de Costumes no Brasil Império: uma leitura da Nação em O Juiz de Paz na Roça, Descrição: Em um Brasil recém-independente, a obra de Martins Pena caracterizou as graças e desventuras da sociedade brasileira e suas instituições. Nesta pesquisa, pretende-se, por meio da peça ?O Juiz de Paz na Roça?, de sua autoria, investigar como a obra de Martins Pena pode servir de espelho para a compreensão dos costumes da sociedade brasileira no momento em que esta começava a criar raízes autônomas e a estabelecer projetos para a consecução de uma identidade nacional. Em um primeiro momento, pretende-se problematizar os usos e desusos para os quais o teatro foi empregado, com vistas a evidenciar aquele que se constituiu como o tópico central do século XIX no Brasil: a busca do sentido de nação e a formação de sua individualidade histórica. Em um segundo momento, os recursos dramáticos da ironia e da sátira serão conceituados e tematizados, de modo a, com esta base, poder-se analisar a obra como fonte capaz de contribuir para o conhecimento histórico do período.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Andréa Sannazzaro Ribeiro - Integrante / Luciana da Costa Dias - Coordenador., Financiador(es): Universidade Federal de Ouro Preto - Bolsa.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Universidade Federal de Ouro Preto, Instituto de Filosofia Artes e Cultura. , R. Cel. Alves,55, Centro, 35400000 - Ouro Preto, MG - Brasil, Telefone: (31) 35582519

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

2015 - 2017

Universidade Federal de Ouro Preto

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: mestrado, Regime: Dedicação exclusiva.

2012 - 2013

Universidade Federal de Ouro Preto

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de iniciação cientifica, Carga horária: 48

Atividades

  • 11/2014

    Pesquisa e desenvolvimento, Instituto de Filosofia Artes e Cultura, Departamento de Filosofia e Cultura.,Linhas de pesquisa

  • 04/2017 - 09/2017

    Ensino, Artes Cênicas, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, ART514 - Teatro do Seculo Xx, ART516 - Teatro Brasileiro do Seculo XX

  • 08/2015 - 02/2016

    Estágios , Instituto de Filosofia Artes e Cultura, Departamento de Filosofia e Cultura.,Estágio realizado, ART 417- estudos teatrais B.

  • 03/2015 - 07/2015

    Estágios , Instituto de Filosofia Artes e Cultura.,Estágio realizado, ART 562- Dramaturgia B.

2015 - 2017

Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: BOLSISTA, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

2013 - 2014

Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de Iniciação Cientifica, Carga horária: 80, Regime: Dedicação exclusiva.

2011 - 2011

Ministério da Educação

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: BOLSISTA, Carga horária: 110

2012 - 2013

RTV Ouro Preto

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: estagiário

Atividades

  • 06/2012 - 12/2013

    Estágios , FEOP.,Estágio realizado, Programa de Educação Patrimonial trem da Vale.

2019 - Atual

Secretaria de Educação do Estado de Minas Gerais

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professora

Outras informações:
Sistema Socioeducativa, professora no Ensino Regular e no Tempo Integral para adolescentes privados de liberdade