Ariádne Elisa Belo da Silva

Biotecnologista pela Universidade Federal do Amazonas - UFAM (2016). Recebeu prêmio de menção honrosa pela pesquisa de âmbito etnofarmacológico do trabalho de iniciação científica intitulado "Padronização do Modelo de Epilepsia do Lobo Temporal por Administração Sistêmica de Pilocarpina" - UFAM (2016) e pelo trabalho de "Prospecção de ureases e inibidores de ureases com atividade antifúngica em espécies de Fabaceae da Amazônia" - INPA (2015). Atualmente é estudante de pós-graduação em Farmacologia (Mestrado) pela Universidade de São Paulo - USP (2018) com foco em uso de modelos animais para estudos neuroquímicos, comportamentais e moleculares acerca da neurobiologia do estresse.

Informações coletadas do Lattes em 23/06/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Mestrado em andamento em Farmacologia

2018 - Atual

Universidade de São Paulo
Título: Influência do Enriquecimento Ambiental sobre o Eixo HPA após Estresse Crônico Imprevisível,Orientador:
Carolina Demarchi Munhoz.Coorientador: Leonardo Santana Novaes. Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Palavras-chave: Enriquecimento Ambiental; Metirapona; Eixo HPA.Grande área: Ciências BiológicasSetores de atividade: Pesquisa e desenvolvimento científico.

Graduação em Biotecnologia

2013 - 2016

Universidade Federal do Amazonas
Título: Avaliação do Efeito Anticonvulsivante do Extrato de Passiflora nitida Em Camundongos
Orientador: Dra. Geane Antiques Lourenço
Bolsista do(a): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas, FAPEAM, Brasil.

Ensino Médio (2º grau)

2010 - 2013

Colégio Batista Santos Dumon

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2018 - 2018

Monitoria - PAE. (Carga horária: 60h). , Universidade de São Paulo, USP, Brasil.

2018 - 2018

Curso de Atualização em Biotérios. (Carga horária: 3h). , Universidade de São Paulo, USP, Brasil.

2017 - 2017

Uso de Animais em Experimentação. (Carga horária: 10h). , Universidade de São Paulo, USP, Brasil.

2017 - 2017

Biossegurança e Boas Práticas de Laboratório do ICB. (Carga horária: 6h). , Universidade de São Paulo, USP, Brasil.

2016 - 2016

Treinamento de Acesso ao Biotério Central do INPA. (Carga horária: 4h). , Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, INPA, Brasil.

2016 - 2016

XXII Curso de Inverno em farmacologia da FMRP- USP. (Carga horária: 180h). , Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto - USP, FMRP, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Bandeira representando o idioma Inglês

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Bandeira representando o idioma Francês

Compreende Pouco, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Botânica / Subárea: Fisiologia e Bioquímica Vegetal.

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Farmacologia / Subárea: Neuropsicofarmacologia.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

BELO-SILVA, A.E . VIII Curso de Férias em Farmacologia- Edição Inverno - Profº Dr. André Luiz Colaço. 2019. (Outro).

BELO-SILVA, A.E . VII Curso de Inverno em Farmacologia - Edição de Inverno - Profº Dr. André Luiz Colaço. 2018. (Outro).

BELO-SILVA, A.E . I SEMCIENTEC - Semana de Ciências Naturais e Biotecnologia. 2016. (Outro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

VIII Curso de Férias em Farmacologia - Edição de Inverno - Prof Dr. André Luiz Colaço.Antipsicóticos. 2019. (Seminário).

1st Symposium on GPCR in Health and Disease. 2018. (Simpósio).

VII Curso de Férias em Farmacologia - Edição Inverno - Prof Dr. André Luiz Colaço.Ansiolíticos. 2018. (Seminário).

Workshop de Publicação Científica - American Journal Express (AJE). 2018. (Encontro).

2nd Integrated Pharmacology. 2017. (Simpósio).

III Simpósio de Experimentação Animal do Amazonas. 2016. (Simpósio).

Marketing Digital: Como Criar sua Marca nas Redes Sociais. 2016. (Feira).

XXII Curso de Inverno de Farmacologia FMRP-USP.Avaliação do Efeito Anticonvulsivante do Extrato de Passiflora nitida Em Camundongos. 2016. (Seminário).

XXV Congresso de Iniciação Científica. Padronização do Modelo de Epilepsia do Lobo Temporal por Administração Sistêmica de Pilocarpina. 2016. (Congresso).

IV CONIC - Congresso de Iniciação Científica do INPA. Prospecção e Atividade Antifúngica de Ureases em Sementes de Espécies de Fabaceae da Flora Amazônica. 2015. (Congresso).

16th International Biotechnology Symposium and Exhibition. 2014. (Congresso).

III CONIC - Congresso de Iniciação Científica. Prospecção de proteases e inibidores de proteases em sementes de Fabaceae da Amazônia. 2014. (Congresso).

Semana Acadêmica do ICB. 2014. (Encontro).

I Colóquio de Biotecnologia. 2013. (Feira).

III Semana de Biotecnologia. 2013. (Encontro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Elisa Mitiko Kawamoto

PICOLO, G.; QUADROS, I. M. H.;KAWAMOTO, E. M.. Envolvimento da metirapona na resiliência ao estresse promovida pelo enriquecimento ambiental. 2019. Exame de qualificação (Mestrando em Farmacologia) - Universidade de São Paulo.

Elisa Mitiko Kawamoto

PICOLO, G.; QUADROS, I. M. H.;KAWAMOTO, E. M.. Influência do enriquecimento ambiental sobre o eixo HPA após estresse crônico imprevisível. 2019. Exame de qualificação (Mestrando em Farmacologia) - Universidade de São Paulo.

Nilton Barreto dos Santos

ANDREOTTI, D. Z.;DOS SANTOS, NILTON B.; AKAMINE, E. H.. Antipsicóticos. 2019 - Instituto de Ciências Biomédicas - USP (SP).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Silvana Chiavegatto

Estudo da participação do óxido nítrico neuronal no mecanismo antidepressivo da cetamina em modelo de subjugação social em camundongos machos; Início: 2018; Dissertação (Mestrado profissional em Farmacologia) - Instituto de Ciências Biomédicas-USP; (Orientador);

Geane Antiques Lourenço

Padronização do modelo de epilepsia do lobo temporal por administração sistêmica de pilocarpina; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Biotecnologia) - Universidade Federal do Amazonas, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas; Orientador: Geane Antiques Lourenco;

José Francisco de Carvalho Gonçalves

Prospecção e atividade antifúngica de ureases em sementes de espécies de Fabaceae da flora Amazônica; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Biotecnologia) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: José Francisco de Carvalho Gonçalves;

José Francisco de Carvalho Gonçalves

Prospecção de proteases e inibidores de proteases em sementes de Fabaceae da Amazônia; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências Florestais) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: José Francisco de Carvalho Gonçalves;

Rosana Camarini

Impacto do estresse crônico imprevisível sobre o eixo HPA e ansiedade em animais expostos ao enriquecimento ambiental; ; Início: 2018; Dissertação (Mestrado em Farmacologia) - Instituto de Ciências Biomédicas-USP, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; (Orientador);

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

BELO-SILVA, A.E . Curso de Genotipagem. 2018. .

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Prêmios

2016

Menção Honrosa, Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia - INPA.

2016

Menção Honrosa, Universidade Federal do Amazonas.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

2014 - 2015

Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: PIBIC - Iniciação Científica, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Outras informações:
O projeto intitulado prospecção e atividade antifúngica de ureases em sementes de espécies de Fabaceae da flora Amazônica tem como premissa principal estudos que envolvam a atividade biológica no contexto antifúngico desta proteína, estabelecendo suas possíveis aplicabilidades biotecnológicas, visto que existe uma lacuna quanto ao conhecimento do potencial bioquímico e/ou biotecnológico das espécies arbóreas de Fabaceae pertencentes às flora Amazônica, considerando que elas representam grande repositório de diversidade de biomoléculas.

2014 - 2014

Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Iniciação Científica, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.

2015 - 2016

Universidade Federal do Amazonas

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de Iniciação Científica, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Outras informações:
Padronização do Modelo de Epilepsia do Lobo Temporal por Administração Sistêmica de Pilocarpina. A pesquisa tem como objetivo principal padronizar a indução da epilepsia do lobo temporal (ELT) de forma aguda e crônica por meio da administração sistêmica de pilocarpina para indução de status epilepticus (SE), uma vez que a epilepsia é um distúrbio cerebral caracterizado pela predisposição persistente do cérebro em gerar crises epilépticas e pelas consequências neurobiológicas, cognitivas, psicológicas e sociais. A epilepsia do lobo temporal é a síndrome epiléptica parcial mais comumente diagnosticada em adultos e subdividida em mesial e neocortical ou lateral. A epilepsia do lobo temporal mesial (ELTM) é a mais frequente e seu substrato patológico mais comum é a esclerose hipocampal (EH), caracterizada por perda neuronal e gliose. Dessa maneira, a descoberta de novas drogas com atividade no sistema nervoso central é uma atividade constante, seja para tratamento e estudo de desordens que ainda não estão bem definidas, como é o caso da epilepsia do lobo temporal, ou em substituição de fármacos que apresentam efeitos colaterais importantes por falta de seletividade de ação e espécies vegetais representam um manancial de moléculas bioativas capazes de biossintetizar fármacos por meio de métodos de análise e separação destes compostos.Assim, a bioprospecção de fitoterápicos pode diagnosticar, de forma mais precisa, o potencial desse material biológico para a utilização na indústria farmacêutica.