Esdras Corrêa dos Santos

Mestrando em ciências veterinárias com enfoque em reprodução animal pela Université de Montréal - QC, Canadá. Médico veterinário graduado pela Universidade Federal de Santa Catarina - Campus Curitibanos na qual atuou no Laboratório de patologia veterinária - LABOPAVE. Participou de Iniciação Científica com o projeto na área de Patologia Animal junto ao Programa Bolsista Voluntári. Foi bolsista no projeto de extensão: Patologia veterinária contribuindo para a saúde pública na microrregião de curitibanos, Santa Catarina além de atuar nos laboratório de reprodução animal (LAFRA) como estagiário bolsista e monitor nas disciplinas de patologia especial e anatomia veterinária. Aluno premiado com a bolsa Futuros líderes nas Américas (Emerging leaders in the Americas Program - ELAP) pelo governo do Canadá. Atua principalmente nas seguintes áreas: Patologia Veterinária Fisiopatologia da reprodução.

Informações coletadas do Lattes em 31/01/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Mestrado em andamento em Sciences vétérinaires

2018 - Atual

Université de Montreal, UdeM
Orientador: Gustavo Zamberlam;Bolsista do(a): Université de Montréal, UDEM, Canadá. Palavras-chave: Hippo pathway.

Graduação em Medicina Veterinária

2013 - 2018

Universidade Federal de Santa Catarina
Título: Avaliação do envolvimento do Sulfeto de Hidrogênio (H2S) durante a ovulação em camundongos
Orientador: Valério Valdetar Marques Portela/ Christopher Alan Price

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2014 -

Elementary 4. (Carga horária: 180h). , British School, BS, Brasil.

2017 - 2017

Workshop: Implementing an animal welfare programme - Dave Morgan. (Carga horária: 6h). , 41º Congresso da Sociedade de Zoológicos e Aquários do Brasil - 2017, SBZ, Brasil.

2015 - 2015

Curso Intensivo de Oncologia em Pequenos Animais. (Carga horária: 13h). , Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.

2015 - 2015

1ª Semana de Formação CONEVA Jr.. (Carga horária: 40h). , CONEVA Jr., CONEVA Jr., Brasil.

2015 - 2015

Curso intensivo em Cardiologia de Pequenos Animais. (Carga horária: 10h). , Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.

2015 - 2015

Abordagem clínica do aparelho locomotor equino. (Carga horária: 8h). , Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.

2015 - 2015

Curso de Extensão: Manejo de animais para pesquisa. (Carga horária: 20h). , Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.

2015 - 2015

Curso Intensivo de Oncologia em Pequenos Animais. (Carga horária: 13h). , Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.

2015 - 2015

1ª Tarde de Campo - Produção Animal a Base de Past. (Carga horária: 4h). , CONEVA Jr., CONEVA Jr., Brasil.

2014 - 2014

Curso Intensivo de Dermatologia Veterinária. (Carga horária: 16h). , Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.

2014 - 2014

I Curso de odontologia em Pequenos Animais. (Carga horária: 16h). , Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.

2013 - 2014

Extensão universitária em Monitoria Anatomia dos Animais Domésticos I. (Carga horária: 120h). , Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.

2010 - 2011

Auxilar de Escritório. (Carga horária: 120h). , CETESC, CETESC, Brasil.

2007 - 2009

Teoria Musical e Estudos em Violino. (Carga horária: 180h). , Igreja Evangélica Assembléia de Deus - Caçador(SC), IEAD(CDR), Brasil.

2008 - 2008

Curso de Qualificação em Informática. (Carga horária: 40h). , Universidade do Contestado, UnC, Brasil.

2007 - 2008

Prática em Violino. (Carga horária: 180h). , Fundação Municipal de Cultura de Caçador, FMC, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Espanhol

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Italiano

Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.

Francês

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Medicina Veterinária / Subárea: Patologia Animal.

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Medicina Veterinária / Subárea: Reprodução Animal/Especialidade: Fisiopatologia da Reprodução Animal.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

10e Symposium de RQR (Réseau Québécois en reproduction). 2017. (Simpósio).

41º Congresso da Sociedade de Zoológicos e Aquários do Brasil - 2017. Neoplasia cutânea por lesão crônica em caturrita (Myiopsitta monanchus) ? relato de caso. 2017. (Congresso).

III SAVUSFC -Semana Acadêmica de Medicina Veterinária - UFSC. 2017. (Outra).

3rd World Veterinary Cancer Congress (WVCC) - 2016. Evaluation of fibroblast growth factor 18 (fgf18) presence in animal ovarian tumors. 2016. (Congresso).

I Simpósio Brasileiro de Inspeção e Tecnologia de Produtos de Origem Animal. 2016. (Simpósio).

Semana Nacional de Ciência e Tecnologia 2016 e 1º Salão de Ensino, Pesquisa e Extensão da UFSC Curitibanos. Levantamento das causas de morte em animais de grande porte na microregião de Curitibanos, Santa Catarina. 2016. (Exposição).

V Encontro da ABROVET 2016. 2016. (Encontro).

10º Encontro de Iniciação Científica.Fator de Crescimento Fibroblástico 18 (FGF18) em tumores ovarianos em cadelas do tipo luteoma e disgerminoma canino. 2015. (Encontro).

1ª Semana de Formação CONEVA Jr.. 2015. (Oficina).

1ª Tarde de Campo - Produção Animal a Base de Pasto. 2015. (Outra).

25º Seminário de Iniciação Científica (SIC).Presença do Fator de Crescimento Fibroblástico - 18 (FGF-18) em Tumores mamários em caninos e felinos. 2015. (Seminário).

CONVEL - 1º Congresso Internacional de Medicina Veterinária Legal. 2015. (Congresso).

Curso Intensivo de Oncologia em Pequenos Animais. 2015. (Outra).

I Curso teórico prático do GECE: abordagem clínica do aparelho locomotor equino. 2015. (Outra).

III ANISUS - Congresso Brasileiro de Produção Animal Sustentável. 2015. (Congresso).

III MEDVEP - Congresso de Especialidades Veterinárias. 2015. (Congresso).

Visão geral sobre anatomia das aves, inflamação e patologia aviária. 2015. (Outra).

XXIII Jornada de Jóvenes Investigadores. Presença do Fator de Crescimento Fibroblástico 18 (FGF18) em tumor de ovário do tipo luteoma em cães. 2015. (Congresso).

I Curso de odontologia em Pequenos Animais. 2014. (Outra).

I Curso Intensivo de Dermatologia Veterinária - GEPA UFSC. 2014. (Outra).

II Semana Acadêmica de Medicina Veterinária - UFSC. 2014. (Outra).

Visão geral sobre anatomia das aves, inflamação e patologia - aviária. 2014. (Outra).

1ª Semana Nacional do Livro e da Biblioteca Setorial de Curitibabanos. Obras Musicais ao violino. 2013. (Feira).

I SAVUSFC -Semana Acadêmica de Medicina Veterinária da UFSC. 2013. (Simpósio).

IV Semana Acadêmica de Ciências Rurais. 2013. (Outra).

VIII Encontro de Iniciação Científica.Musicoterapia Veterinária. 2013. (Encontro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Conrado de Oliveira Gamba

Monitoria da Disciplina de Patologia Veterinária Especial 2015-2; 2015; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Santa Catarina; Orientador: Conrado de Oliveira Gamba;

Adriano Tony Ramos

Presença do FGF18 em Tumores Mamários de Caninos; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Santa Catarina; Orientador: Adriano Tony Ramos;

Marcello Machado

Monitoria - Disciplina de Anatomia Descritiva dos Animais Domésticos I; 2013; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Santa Catarina; Orientador: Marcello Machado;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • CORRÊA, E. S. ; RAMOS, A. T. ; DUZ, J. . Presença do Fator de Crescimento Fibroblástico 18 (FGF18) em Tumor de Ovário do Tipo Luteoma em Cães. In: XXIII Jornadas de Jóvenes Investigadores - AUGM, 2015, La Plata. Anais XXIII Jornadas de Jóvenes Investigadores, 2015.

  • CORRÊA, E. S. . Musicoterapia Veterinária. In: VIII Encontro de Iniciação Científica, 2013, União da Vitória. VIII Encontro de Iniciação Científica, 2013.

  • CORRÊA, E. S. ; SERENA, G. C. ; BECHTOLD, K. ; JONCK, F. ; GAMBA, C. O. ; ZIMERMANN, F.C. ; RAMOS, A. T. . Carcinoma basoescamoso em peixe ciclídeo. In: 41º Congresso da Sociedade de Zoológicos e Aquários do Brasil - 2017, 2017, Pomerode. 41º Congresso da Sociedade de Zoológicos e Aquários do Brasil - 2017, 2017.

  • CORRÊA, E. S. ; SERENA, G. C. ; BECHTOLD, K. ; GAMBA, C. O. ; ZIMERMANN, F.C. ; RAMOS, A. T. . Neoplasia cutânea por lesão crônica em caturrita (Myiopsitta monanchus) ? relato de caso. In: 41º Congresso da Sociedade de Zoológicos e Aquários do Brasil - 2017, 2017, Pomerode. 41º Congresso da Sociedade de Zoológicos e Aquários do Brasil - 2017, 2017.

  • PIOVESAN, G. ; CALIARI, C. ; CORRÊA, E. S. ; SERENA, G. C. ; ZIMERMANN, F.C. ; RAMOS, A. T. ; JONCK, F. ; GAMBA, C. O. ; PORTELA, V. V. M. ; VEIGA, A. . Prevalence of neoplasms associated with Pteridium aquilinum intake in cattle submitted to examinations in the pathology department of UDESC, Lages, Brazil. In: 3rd World Veterinary Cancer Congress (WVCC) - 2016, 2016, Foz Iguassu. 3rd World Veterinary Cancer Congress (WVCC) - 2016, 2016.

  • CORRÊA, E. S. ; DUZ, J. ; GAMBA, C. O. ; BARRETA, M. H. ; ZIMERMANN, F.C. ; GOETTEN, A. L. F. ; PORTELA, V. V. M. ; VEIGA, A. . Evaluation of fibroblast growth factor 18 (fgf18) presence in animal ovarian tumors. In: 3rd World Veterinary Cancer Congress (WVCC) - 2016, 2016, Foz do Iguassu. 2016 Proceedings of the Veterinary Cancer Society - Foz do Iguassu, BR, 2016. v. 3. p. 155-155.

  • DUZ, J. ; CORRÊA, E. S. ; GAMBA, C. O. ; BARRETA, M. H. ; ZIMERMANN, F.C. ; GOETTEN, A. L. F. ; PORTELA, V. V. M. ; VEIGA, A. ; RAMOS, A. T. . Fibroblast growth factor 18 (FGF18) in mammary tumors of dogs and cats. In: 3rd World Veterinary Cancer Congress (WVCC) - 2016, 2016, Foz do Iguassu. 3rd World Veterinary Cancer Congress (WVCC) - 2016, 2016. p. 156-156.

  • SERENA, G. C. ; CORRÊA, E. S. ; PIOVESAN, G. ; CALIARI, C. ; GAMBA, C. O. ; ZIMERMANN, F.C. ; RAMOS, A. T. . Histopathological analysis of familial synchronous osteosarcoma in Brazil. In: 3rd World Veterinary Cancer Congress (WVCC) - 2016, 2016, Foz do Iguassu. V Encontro da ABROVET 2016, 2016.

  • SERENA, G. C. ; CORRÊA, E. S. ; PIOVESAN, G. ; CALIARI, C. ; GAMBA, C. O. ; ZIMERMANN, F.C. ; RAMOS, A. T. . Prevalence of neoplasia in small animals submitted to necropsy in UFSC-Campus Curitibanos - SC, Brazil. In: 3rd World Veterinary Cancer Congress (WVCC) - 2016, 2016, Foz do Iguassu. V Encontro da ABROVET 2016, 2016.

  • CORRÊA, E. S. ; SERENA, G. C. ; CALIARI, C. ; PIOVESAN, G. ; BECHTOLD, K. ; GAMBA, C. O. ; ZIMERMANN, F.C. ; RAMOS, A. T. . Levantamento das causas de morte em animais de grande porte na microregião de Curitibanos, Santa Catarina. In: Semana Nacional de Ciência e Tecnologia 2016 e 1º Salão de Ensino, Pesquisa e Extensão da UFSC Curitibanos, 2016, Curitibanos. 1º Salão de Ensino, Pesquisa e Extensão da UFSC Curitibanos, 2016.

  • CORRÊA, E. S. ; DUZ, J. ; RAMOS, A. T. . Presença do Fator de Crescimento Fibroblástico - 18 (FGF-18) em Tumores mamários em caninos e felinos. In: 25º Seminário de Iniciação Científica - UFSC, 2015, Florianopólis-SC. 25º Seminário de Iniciação Científica.

  • CORRÊA, E. S. ; DUZ, J. ; RAMOS, A. T. . DEMODICOSE LOCALIZADA EM UM CANINO DA RAÇA GRANDE AZUL DA GASCONHA (GRAND BLEU DE GASCOGNE). In: 10º Encontro de Iniciação Cientifica - UNIGUAÇU, 2015, União da Vitória - PR. Revista do 10º Encontro de Iniciação Cientifica - UNIGUAÇU, 2015.

  • CORRÊA, E. S. ; DUZ, J. ; RAMOS, A. T. . Fator de Crescimento Fibroblástico 18 (FGF18) em tumores ovarianos em cadelas do tipo luteoma e disgerminoma canino. In: 10º Encontro de Iniciação Científica - UNIGUAÇU, 2015, União da Vitória - PR. Revista do 10º Encontro de Iniciação Cientifica - UNIGUAÇU, 2015.

  • CORRÊA, E. S. ; DUZ, J. ; RAMOS, A. T. . Presença do Fator de Crescimento Fibroblástico 18 (FGF18) em Tumor de Ovário do Tipo Luteoma em Cães. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • CORRÊA, E. S. . VIII Encontro de Iniciação Científica. 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2014 - Atual

    Presença de FGF18 sobre as células tumorais mamárias em animais, Descrição: O estudo dos tumores mamários na cadela e na gata tem adquirido cada vez maior importância, devido às semelhanças que apresentam com os que ocorrem na mulher e também pelo fato de aparecerem com muita frequência na prática clínica. Em termos de investigação na área da cancerologia, os tumores mamários representam um desafio, se tivermos em conta que se trata da neoplasia que maior diversidade morfológica pode apresentar, surgindo a partir duma população celular variada, que se encontra muitas vezes associada no mesmo tumor. Esta pesquisa busca promover um maior conhecimento sobre o desenvolvimento celular dos tumores mamários em animais e a influência do fator de crescimento fibroblástico -18 (FGF18) neste processo. Desta forma, contribuir para futuras pesquisas de prevenção e tratamento desta patologia. A identificação da presença de FGF18 sobre as células tumorais mamaria em animais, é feita através de técnicas de imunohistoquímica. Serão utilizados no experimento blocos de parafina com material de tumores de mama recebidos de universidades conveniadas a UFSC. A partir dos blocos de parafina serão obtidos cortes histológicos de 5 µm em lâminas para a realização das colorações de hematoxilina-eosina(H&E) e teste de imunohistoquímica. O teste de imunohistoquímica consiste na marcação do FGF18 em com anticorpos primários: anti-fgf18 e anti-receptores de estrógenos. Com as lâminas de imunohistoquímica prontas, é avaliado a presença do FGF 18 através da imunofluorescência concomitantemente o uso de microscopia especial, onde também é feita a captura de imagens para analise posterior. As imagens são comparada com os mesmos cortes corados com H&E em lâminas normais. Em base a outros experimentos já realizados, espera-se também a constatação de FGF 18 em tumores mamários de animais.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (7) . , Integrantes: Esdras Corrêa dos Santos - Integrante / Adriano Tony Ramos - Coordenador / Janyni Duz - Integrante.

  • 2014 - Atual

    Função do fator de crescimento fibroblástico 18 (FGF18) em lesões de ovário e mama de diferentes espécies, Descrição: Os fatores de crescimento fribroblástico (FGF) têm sido descritos como elementos envolvidos na modulação da função ovariana em bovinos, ratos, camundongos e humanos As lesões ovarianas como por exemplo os cistos ou os tumores, são responsáveis por problemas de infertilidade, os cistos causam infertilidade tanto em animais de companhia, bem como em animais de produção, onde além das alterações no animal, são responsáveis por prejuízos econômicos. O câncer de ovários é uma doença complexa e mortal para as mulheres, alguns eventos que controlam e iniciam a formação tumoral ainda não estão bem esclarecidos. modelos animais foram utilizados para tentar reproduzir esses eventos, porem somente alguns mecanismos foram descobertos. O câncer de óvario humano é uma doença complexa derivada de três tipos histológicos principais: epitélio da superfície, stroma gonadal , células germinativas. Os tumores de ovário tem uma classificação semelhante em animais e ocorrem em diferentes espécies, sendo as principais espécies afetadas: os caninos com os tumores derivados do epitélio da superfície, os equinos e bovinos para os tumores derivados do epitélio gonadal. Os tumores mamários em animais são comuns somente em caninos e felinos. Além dos tumores nessas espécies podemos encontras quadros de hiperplasia com a formação de cistos, a denominada hiperplasia mamária cística. As cadelas têm proporcionalmente três vezes mais tumores mamários que as mulheres. A classificação dos tumores em animais e humanos é semelhante. As lesões mamárias benignas respondem a uma variedade de hormônios, bem como possuem grande quantidade de receptores hormonais, já os tumores malignos contém receptores para estrógenos e progesterona, que os torna particularmente sensíveis, principalmente no quesito proliferação aos estímulos de estradiol e progesterona. Além disso, modelos utilizando animais podem ser usados para a melhor compreensão de doenças e disfunções da reprodução humana. Fortes evidências indicam a participação de peptídeos intraovarianos de ação parácrina em todas as fases do desenvolvimento folicular, dentre eles os FGFs. Foi relatada a expressão do FGF-10, membro da subfamília do FGF-7, em oócitos e células da teca de folículos antrais bovinos. A expressão do FGF-10 mostrou-se diminuída em folículos estrogênicos, o que, combinado a dados funcionais demonstrando efeito supressor do FGF-10 sobre a esteroidogênese nas células da granulosa, indica que o FGF-10 é um fator regulador importante da diferenciação das células da granulosa e que ele deve ser suprimido para a continuidade do crescimento folicular após o recrutamento. Outro FGF envolvido no controle da esteroidogênese é o FGF18 que, de acordo com resultados preliminares de nosso grupo, reduz a secreção de E2 e P4 pelo controle da expressão gênica do receptor de FSH (FSHR) e das enzimas esteroidogênicas. O presente projeto objetiva aprofundar a compreensão das ações do FGF18 no controle do desenvolvimento de lesões, especificamente no processo de apoptose e necrose celular e a sua relação com o estrogênio.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (7) . , Integrantes: Esdras Corrêa dos Santos - Integrante / Adriano Tony Ramos - Coordenador / Janyni Duz - Integrante.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Prêmios

2019

Bourses d?excellence d?admission à la maîtrise, FESP - UdeM.

2018

Bourse d?exemption des droits supplémentaires de scolarité pour étudiants internationaux ? UdeM, FESP - UdeM.

2018

Bourse de soutien au recrutement à la maîtrise et au doctorat 2018-2019, FESP - UdeM.

2018

Programme de bourses de codirection du RQR, Réseau Québécois en Reproduction.

2017

Scholarship Award - Emerging Leaders in the Americas Program (ELAP), Government of Canada.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Universidade Federal de Santa Catarina. , Rodovia Ulysses Gaboardi, Km 3, 89520000 - Curitibanos, SC - Brasil, Telefone: (48) 37212184, URL da Homepage:

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2017 - 2017

    Universidade Federal de Santa Catarina

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Monitor / Anatomia veterinária, Carga horária: 12

    Outras informações:
    Algumas monitorias não tiveram a utilização de peças devido incompatibilidade de horários e agenda do laboratório. As monitorias ocorreram na sala de estudos do CEDUP e no Laboratório de anatomia veterinária. Pode-se observar o interesse dos alunos participando com frequência nas monitorias. Houve também oportunidades de ampliação da discussão de assuntos relacionados a aula comparando aspectos clínicos e fisiológicos das estruturas estudadas.

  • 2015 - 2016

    Universidade Federal de Santa Catarina

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista - projeto de extensão, Carga horária: 20

    Outras informações:
    Bolsista no projeto de extensão: Patologia veterinária contribuindo para a saúde pública na microrregião de curitibanos, Santa Catarina

  • 2015 - 2015

    Universidade Federal de Santa Catarina

    Vínculo: Bolsista voluntário, Enquadramento Funcional: Monitor, Carga horária: 12

    Outras informações:
    Monitor da disciplina Patologia Veterinária Especial

  • 2014 - 2015

    Universidade Federal de Santa Catarina

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Estágiario

    Outras informações:
    Estagiário no Laboratório de Fisiologia da Reprodução Animal - LAFRA, com ênfase no desenvolvimento de pesquisas, sobre fisiologia da reprodução animal em modelos bovinos através de técnicas de cultivo celular, produção in vitro de embriões e análise de expressão gênica. Orientadores de Estágio: Prof. Dr. Marcos Henrique Barreta e Váleria V.M. Portela.

  • 2014 - 2014

    Universidade Federal de Santa Catarina

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Estágiario, Carga horária: 20

    Outras informações:
    Estagio na Biblioteca setorial De Curitibanos, trabalhando com Indexação de Artigos Científicos da Área de Medicina Veterinária.

  • 2013 - 2014

    Universidade Federal de Santa Catarina

    Vínculo: Bolsista Voluntário, Enquadramento Funcional: Monitor, Carga horária: 20

    Outras informações:
    Monitor da Disciplina Anatomia Descritiva dos Animais Domésticos I

  • 2013 - 2014

    Universidade Federal de Santa Catarina

    Vínculo: Estagio Voluntário, Enquadramento Funcional: Estágiario, Carga horária: 20

    Outras informações:
    Treinamento Estágio Voluntário realizado no Laboratório de Fisiologia da Reprodução Animal (LAFRA) sob orientação do Prof. Dr. Valério M. Portela e Prof. Dr. Marcos H. Barreta. Atividades realizadas: Cultivo de oócitos, Produção in vitro de embriões e atividades laboratoriais.

  • 2013 - 2013

    Universidade Federal de Santa Catarina

    Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Participante, Carga horária: 4

    Atividades

    • 09/2014

      Estágios , Reitoria, Pró-Reitora de Pesquisa e Extensão.,Estágio realizado, Estagiário no Laboratório de Fisiologia da Reprodução Animal - LAFRA, com ênfase no desenvolvimento de pesquisas, sobre fisiologia da reprodução animal em modelos bovinos através de técnicas de cultivo celular, produção in vitro de embriões e análise de.

  • 2013 - 2013

    unidade de ensino superior vale do iguacu

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Estágiario, Carga horária: 20

    Outras informações:
    Estágio no Hospital Veterinário da UNIGUAÇU abrangendo Diversas áreas desde Pequenos Animais até Grandes Animais especificamente na parte clínica, medicina preventiva e medicina alternativa.

  • 2016 - 2016

    Universidade Estadual do Ceará

    Vínculo: Treinamento técnico científico, Enquadramento Funcional: estagiário, Carga horária: 40

    Outras informações:
    Atividades desenvolvidas no Laboratório de Fisiologia e Controle da Reprodução (LFCR) e Laboratório de Manipulação de Oócitos e Folículos Ovarianos Pré-antrais (LAMO-FOPA), ambos ligados ao Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterinárias da Universidade Estadual do Ceará (UECE).

  • 2017 - 2017

    Université de Montreal, UdeM

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: stagiare de recherche, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    The modern high-yielding dairy cow in North America is subfertile, a trend that has been documented since the late 1950?s. Ovarian dysfunction is one of the underlying causes of such decline, and this project aims to identify novel mechanisms regulating follicle health. There are two types of cell in the wall of the follicle - theca cells and granulosa cells. It is well known that granulosa cells undergo atresia and lead to death of the follicle. We recently identified a growth factor, called FGF18, that causes granulosa cells to die. Interestingly, FGF18 is secreted by theca cells, which leads us to the novel hypothesis that the theca cell layer plays a principal role in follicle atresia by signaling to granulosa cells. The aim of this research is to determine the factors that control the secretion of FGF18 from the theca cell layer. Mr Correa will learn how to perform theca cell culture in vitro, and he will run experiments testing the effect of hormones on thecal FGF18 expression and secretion. He will analyse his data, and gain solid experience in modern molecular approaches of the investigation of real-world problems, how to analyze data, and to propose new hypotheses