Juliana Márcia Rogalski

possui graduação em Ciências Biológicas pela Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões (1999), mestrado em Biologia Vegetal pela Universidade Federal de Santa Catarina (2002) e doutorado em Ciências pela Universidade Federal de Santa Catarina (2007). Tem experiência na área de Botânica, com ênfase em Sistemática de epífitas vasculares, Ecologia de comunidades, Recursos genéticos vegetais, Conservação de espécies ameaçadas de extinção, Demografia, Biologia reprodutiva, Genética de populações e Restauração.

Informações coletadas do Lattes em 04/06/2019

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em Recursos Genéticos Vegetais

2003 - 2007

Universidade Federal de Santa Catarina
Título: Biologia da conservação da reófita Dyckia brevifolia Baker, Rio Itajaí-Açu, SC
Ademir Reis. Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Palavras-chave: consevação, reófitas.Grande área: Ciências BiológicasGrande Área: Ciências Biológicas / Área: Genética. Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Botânica.

Mestrado em Biologia de Fungos, Algas e Plantas

2000 - 2002

Universidade Federal de Santa Catarina
Título: Distribuição espacial de bromélias e aráceas epifíticas em diferentes situações topográficas de Floresta Ombrófila Densa, Ilha de Santa Catarina/SC,Ano de Obtenção: 2002
Maike Hering de Queiroz.Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Palavras-chave: bromélias, aráceas, epífitos, situações topográfic.Grande área: Ciências Biológicas

Graduação em Ciências Biológicas

1995 - 1999

Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões
Título: Epífitas Vasculares do Estreito de Augusto César, Marcelino Ramos, RS
Orientador: Elisabete Maria Zanin
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2015 - 2015

Extração de alozimas e DNA; Técnicas de eletroforese e microssatélites; Rea. (Carga horária: 300h). , Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.

2015 - 2015

Extração de alozimas e DNA; Técnicas de eletroforese e microssatélites; Rea. (Carga horária: 80h). , Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.

2006 - 2006

Extensão universitária. , Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.

2006 - 2006

Curso de Curta Duração. , Universidade Federal do Rio Grande do Sul, UFRGS, Brasil.

2004 - 2004

Curso de Curta Duração. , Universidade Federal de Viçosa, UFV, Brasil.

2002 - 2002

Extensão universitária em Ciências Ambientais. (Carga horária: 60h). , Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões, URI, Brasil.

2002 - 2002

Conservação e Uso de Florestas Tropicais. (Carga horária: 45h). , Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.

2001 - 2001

Construção e Manutenção de Trilhas Em Unidades de. (Carga horária: 24h). , Fundação do Meio Ambiente, FATMA, Brasil.

2001 - 2001

Dinâmica de Populações de Plantas. (Carga horária: 10h). , Sociedade de Ecologia do Brasil, SEB, Brasil.

2001 - 2001

Manejo Em Áreas de Conservação e Ecoturismo na Cos. (Carga horária: 12h). , Instituto Syntthesis, SYNTHESIS, Brasil.

2000 - 2000

Recuperação Ambiental. (Carga horária: 8h). , Conselho Regional de Biologia, CRBIO, Brasil.

1999 - 1999

1° Curso Nacional de Educação. , Centro de Estudos e Informações Técnicas Educacionais e Culturais, CEITEC, Brasil.

1999 - 1999

Biogeografia. (Carga horária: 30h). , Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões, URI, Brasil.

1999 - 1999

Natureza e Sociedade. (Carga horária: 30h). , Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões, URI, Brasil.

1999 - 1999

Metodologia da Pesquisa Aplicada As Ciências Ambie. (Carga horária: 30h). , Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões, URI, Brasil.

1999 - 1999

Morfogênese In Vitro e Transformação de Plantas. (Carga horária: 7h). , Sociedade Botânica do Brasil, SBB, Brasil.

1999 - 1999

Conservação In Vitro de Recursos Genéticos Vegetai. (Carga horária: 20h). , Socieda Brasileira de Genética, SBG, Brasil.

1999 - 1999

Ecologia de Ecossistemas. (Carga horária: 30h). , Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões, URI, Brasil.

1998 - 1998

Ecoturismo. (Carga horária: 20h). , Universidade Livre do Meio Ambiente, UNILIVRE, Brasil.

1997 - 1997

Extensão universitária em Citogenética Humana. (Carga horária: 40h). , Universidade de Passo Fundo, UPF, Brasil.

1996 - 1996

Extensão universitária em Histologia Animal. (Carga horária: 45h). , Universidade de Passo Fundo, UPF, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Bem, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Espanhol

Compreende Bem, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Francês

Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Botânica / Subárea: Botânica Aplicada.

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Ecologia de Comunidades.

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Botânica.

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia.

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Genética.

    Grande área: Outros / Área: Ciências Ambientais.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

PERIN, R. K. ; TECHIO, J.W. ; ROGALSKI, JULIANA MARCIA ; AGUIAR, R. V. ; CORAZZA, R. . III Simpósio em Gestão Ambiental: Empreendedorismo e Sustentabilidade. 2014. (Outro).

ROGALSKI, Juliana Marcia . Concurso para docente do Instituto Federal do Rio Grande do Sul. 2010. (Concurso).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

69º Congresso Nacional de Botânica. Biometria de mericarpos e sementes e germinação de Tropaeolum pentaphyllum Lam. (Tropaeolaceae) na região do Alto Uruguai, RS. Implantação de um jardim sensorial na APAE de Sertão, RS.. 2018. (Congresso).

III Simpósio Brasileiro de Polinizaçã.O uso do néctar e o sucesso reprodutivo em Mandevilla funiformis (Apocynaceae) na Ilha de Santa Catarina (SC).. 2018. (Simpósio).

68°Congresso Nacional de Botânica e XXXVI Jornada Fluminense de Botânica. 2017. (Congresso).

67º Congresso Nacional de Botânica, XXXVI ERBOT e 8ª Jornada Capixaba de Botânica. 2016. (Congresso).

66º Congresso Nacional de Botânica. 2015. (Congresso).

31º Seminário de Extensão Universitária da Região Sul ? SEURS.Montagem de coleção botânica didática. 2013. (Seminário).

31º Seminário de Extensão Universitária da Região Sul ? SEURS. 2013. (Seminário).

63º Congresso Nacional de Botânica - Botânica frente às mudanças globais. GERMINAÇÃO DE Tropaeolum pentaphyllum Lam. (CREM) NA REGIÃO DO ALTO URUGUAI - RS. 2012. (Congresso).

XVII Fórum Municipal de Educação, XIV Fórum Regional de Educação, XIII Fórum Nacional de Educação. 2012. (Outra).

57° Congresso Nacional de Botânica. 2006. (Congresso).

56° Congresso Nacional de Botânica. 2005. (Congresso).

VII Congresso de Ecologia do Brasil. 2005. (Congresso).

50° Congresso Brasileiro de Genética. 2004. (Congresso).

55° Congresso Nacional de Botânica e 26° Encontro Regional de Botânicos de MG, BA e ES. 2004. (Congresso).

VI Congresso de Ecologia do Brasil. 2003. (Congresso).

V Congresso de Ecologia do Brasil. 2001. (Congresso).

5° Encontro de Biólogos da Região Sul, 2° Encontro de Biólogos do MERCOSUL, 4° Semana da Biologia da UFSC, 2° ENAB: Fórum Nacional dos Cursos de Ciências Biológicas. 2000. (Encontro).

IV Simpósio Nacional de Recuperação de Áreas Degradadas. 2000. (Simpósio).

IV Simpósio Nacional Recuperação de Áreas Degradadas "Sivicultura Ambiental".Traçado peliminar de corredores ecológicos na Ilha de Santa Catarina. 2000. (Simpósio).

Worshop sobre Recuperação de Áreas Degradadas pela Mineração de Carvão. 2000. (Outra).

1° Curso Nacional de Educação. 1999. (Outra).

45° Congresso Nacional de Genética. 1999. (Congresso).

50° Congresso Nacional de Botânica. 1999. (Congresso).

VII Semana Acadêmica do Curso de Ciências Biológicas e I Encontro de Educação Ambiental. 1999. (Outra).

V Seminário Institucional de iniciação Científica, V Mostra de Iniciação Científica e III Seminário de Integração de pesquisa e pós-graduação. 1999. (Seminário).

Fórum das Hidrominerais. 1998. (Outra).

IV Seminário de iniciação Científica, IV Mostra de iniciação Científica e II Seminário de Integração de Pesquisa e Pós-graduação. 1998. (Seminário).

V Semana Acadêmica do curso de Ciências Biológicas, XII SAUMA - Semana Alto uruguai do Meio Ambiente, I Fórum de Ecoturismo do Norte do estado. 1998. (Outra).

III Seminário Instuticional de iniciação Científica e III Mostra de Iniciação Científica. 1997. (Seminário).

II Jornada de Anatomia e Fisiologia do Alto Uruguai. 1997. (Outra).

IV Fórum de estudos das ciências jurídicas e sociais. 1997. (Encontro).

IV Semana Universitária do Curso de Ciências Biológicas e XI Sauma - Semana Alto Uruguai do Meio Ambiente. 1996. (Seminário).

I Encontro Regional das licenciaturas -. 1995. (Encontro).

III Semana Universitária do Curso de Ciências Biológicas e I Jornada de Anatômia e Fisiologia da Região Alto Uruguai. 1995. (Outra).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

Aluno: Diego Finati Alves

PAGGI, G. M.; LENZI, M.;ROGALSKI, JULIANA MARCIA. Ecologia reprodutiva de Dyckia leptostachya Baker: a combinação de dois sistemas de reprodução em uma bromélia do Pantanal Sul-Mato-Grossense. 2018. Dissertação (Mestrado em Biologia Vegetal) - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul.

Aluno: Diego Finati Alves

PAGGI, G. M.;ROGALSKI, JULIANA MARCIA. Ecologia reprodutiva de Dyckia leptostachya Baker (Bromeliaceae) em região de canga no Pantanal sul-matogrossense. 2016.

Aluno: Sem divulgação

ROGALSKI, JULIANA MARCIA. Idade, incidência de luz ou características dos forófitos: que fatores determinam a diversidade e distribuição de orquídeas epífitas em campinaranas da Amazônia Central?. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Ciências Biológicas (Botânica)) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia.

Aluno: Jacson Gradin

ROGALSKI, JULIANA MARCIA; TECHIO, J.W.; AGUIAR, R. V.. Potencial de fitorremediação de ipê-roxo em solo poluído com zinco. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Gestão Ambiental) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul.

Aluno: Karina Vanessa Hmeljevski

REIS, Ademir; VIEIRA, Neide Koehntopp; ESPÍNDOLA, Marina Bazzo;ROGALSKI, Juliana Marcia. Levantamento florístico de restinga em área contaminada por Pinus elliottii no Parque Florestal do Rio Vermelho, Florianópolis/SC. 2004 - Universidade Federal de Santa Catarina.

Aluno: Henrique Cesar Lemos Jucá

REIS, AdemirROGALSKI, Juliana Marcia; CASTELLANI, Tânia Tarabini; VIEIRA, Neide Koehntopp. Fenologia de espécies arbóreas em uma área em restauração no Parque Florestal do rio Vermelho, Florianópolis, SC. 2004 - Universidade Federal de Santa Catarina.

ROGALSKI, JULIANA MARCIA; MICHEL, A.; DREWS, S.. Professor substituto referente ao Edital 31/2017 e portaria 375/2017 - Vaga Biologia. 2017. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul.

ROGALSKI, Juliana Marcia; PAIVA, F.A.; SANTOS, J.. Professor Substituto de Biologia Geral, Zoologia, Ecologia e Meio Ambiente.. 2011. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul.

VIEIRA, Josimar;ROGALSKI, Juliana Marcia; CARDOSO, M.S.. Professor substituto de Bioquímica. 2010. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul.

IMLAU, C.;ROGALSKI, JULIANA MARCIA. Estágio curricular - Desenvolvido na Biotrigo Genética Ltda.. 2018. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul.

ROGALSKI, Juliana Marcia. Avaliação de propostas submetidas aos programas institucionais de bolsas ? Edital Proppi 008/2016 ? PROBIC/PROBITI/IFRS/FAPERGS. 2016. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul.

ROGALSKI, Juliana Marcia. 3° Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica (SICT). 2014. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Ademir Reis

REIS, A.. Biologia da conservação de uma espécie Reófita.. 2006. Exame de qualificação (Doutorando em Recursos Genéticos Vegetais) - Universidade Federal de Santa Catarina.

Tania Tarabini Castellani

REIS, A.; Sebbenn, A. M.; Guerra, M.P.; ORTH, A. I.; Forzza, R.C.;CASTELLANI, T. T.. Biologia da Conservação da reófita Dyckia brevifolia Baker (Bromeliacae), Rio Itajaí-Açu, SC. (SUPLENTE). 2007. Tese (Doutorado em Recursos Genéticos Vegetais) - Universidade Federal de Santa Catarina.

Alexandre Magno Sebbenn

SEBBENN, A. M.REIS, A.; GUERRA, M.P.; ORTH, A.I.; FORRZZA, R.C.. Biologia da Conservação de reófita Dyckia brevifolia (Bromeliaceae) Baker, no Rio Itajaí-Açu-SC. 2007. Tese (Doutorado em Recursos Genéticos Vegetais) - Universidade Federal de Santa Catarina.

Paulo Emílio Lovato

REIS, Ademir;Lovato, P. E.; MANTOVANI, Adelar. Biologia da conservação de uma espécie reófita: Dyckia brevifolia Baker. 2006. Exame de qualificação (Doutorando em Recursos Genéticos Vegetais) - Universidade Federal de Santa Catarina.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Orientou

Júlio Tagliari Balestrin

Estudo nutricional, fitotécnico e resgate de manejo e utilização de plantas alimentícias não-convencionais (PANC) da Serra Gaúcha: valorização de uma alternativa para a alimentação saudável; Início: 2018; Iniciação científica (Graduando em Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; (Orientador);

Jéssica Argenta

Biologia reprodutiva de Tropaeolum pentaphyllum Lam; (crem) na região do Alto Uruguai, RS; Início: 2013; Iniciação científica (Graduando em Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, Instituto Federal do Rio Grande do Sul; (Orientador);

Alan Serafini Betto

Propagação de Tropaeolum pentaphylum Lam; (crem) por estaquia e semente; Início: 2012; Iniciação científica (Graduando em Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; (Orientador);

Letícia Mesacasa

Florística e distribuição de epífitas vasculares em fragmentos de Ombrófila Mista, município de Nova Alvorada, RS; 2016; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Gestão Ambiental) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, Instituto Federal do Rio Grande do Sul; Orientador: Juliana Marcia Rogalski;

Jamile Deliberal

Florística e distribuição espacial de epífitos vasculares no Parque Natural Municipal de Sertão, RS; 2018; Iniciação Científica; (Graduando em Licenciatura em Ciências Biológicas) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, Instituto Federal do Rio Grande do Sul; Orientador: Juliana Marcia Rogalski;

Rodrigo Oliveira Lamb

Propagação de Rubus erythrocladus (Rosaceae): germinação de sementes e enraizamento de estacas caulinares e radiculares; 2018; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, Instituto Federal do Rio Grande do Sul; Orientador: Juliana Marcia Rogalski;

Vinicius Ferrari

Propagação de Rubus erythrocladus (Rosaceae): germinação de sementes e enraizamento de estacas caulinares e radiculares; 2018; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, Instituto Federal do Rio Grande do Sul; Orientador: Juliana Marcia Rogalski;

Francisco Miguel Huppes

Biologia reprodutiva de Tropaeolum pentaphyllum Lam; (crem) na região do Alto Uruguai; 2018; Iniciação Científica - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, Instituto Federal do Rio Grande do Sul; Orientador: Juliana Marcia Rogalski;

Daniela da Silva

Implantação de um banco de germoplasma para Tropaeolum pentaphyllum Lam; , em Sertão, RS; 2018; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, Instituto Federal do Rio Grande do Sul; Orientador: Juliana Marcia Rogalski;

Larissa Pagote

Atividades lúdicas no Centro Equoterapia do Cavalo Crioulo buscando o desenvolvimento de pessoas com necessidades especiais ou vulnerabilidade social; 2018; Iniciação Científica; (Graduando em Licenciatura em Ciências Biológicas) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, Instituto Federal do Rio Grande do Sul; Orientador: Juliana Marcia Rogalski;

Felipe Bagnara

Atividades lúdicas no Centro Equoterapia do Cavalo Crioulo buscando o desenvolvimento de pessoas com necessidades especiais ou vulnerabilidade social; 2018; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul; Orientador: Juliana Marcia Rogalski;

Luís Miguel Carpenedo

Felipe Bagnara; 2018; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul; Orientador: Juliana Marcia Rogalski;

Jéssica Parizotto

Atividades lúdicas no Centro Equoterapia do Cavalo Crioulo com pessoas com necessidades especiais ou vulnerabilidade social; 2018; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, Instituto Federal do Rio Grande do Sul; Orientador: Juliana Marcia Rogalski;

Caroline Ribas

Atividades lúdicas no Centro Equoterapia do Cavalo Crioulo com pessoas com necessidades especiais ou vulnerabilidade social; 2018; Iniciação Científica - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, Instituto Federal do Rio Grande do Sul; Orientador: Juliana Marcia Rogalski;

Letícia Mesacasa

Florística e distribuição espacial de epífitos vasculares no Parque Natural Municipal de Sertão, RS; 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Gestão Ambiental) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, Instituto Federal do Rio Grande do Sul; Orientador: Juliana Marcia Rogalski;

Daniela da Silva

Biologia reprodutiva de Tropaeolum pentaphyllum Lam; (crem) na região do Alto Uruguai; 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Juliana Marcia Rogalski;

Verônica Julia Munaretto

Biologia reprodutiva de Tropaeolum pentaphyllum Lam; (crem) na Região do Alto Uruguai; 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, Instituto Federal do Rio Grande do Sul; Orientador: Juliana Marcia Rogalski;

Gabriel Santin

Biologia reprodutiva de Tropaeolum pentaphyllum Lam; (crem) na Região do Alto Uruguai; 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, Instituto Federal do Rio Grande do Sul; Orientador: Juliana Marcia Rogalski;

Rodrigo Oliveira Lamb

Implantação de Jardim sensorial na APAE como forma de aproximação da natureza e desenvolvimento dos sentidos do corpo humano; 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, Instituto Federal do Rio Grande do Sul; Orientador: Juliana Marcia Rogalski;

Letícia Mesacasa

Implantação de um banco de germoplasma para Tropaeolum pentaphyllum Lam; , em Sertão, RS; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Juliana Marcia Rogalski;

Elizeu Scolari

Levantamento fitossociológico do componente arbóreo em um remanescente florestal em Sertão-RS; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Gestão Ambiental) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, Instituto Federal do Rio Grande do Sul; Orientador: Juliana Marcia Rogalski;

Carlos Diego Ribeiro Dos Santos

Implantação de um banco de germoplasma para Tropaeolum pentaphyllum Lam; , em Sertão; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, Instituto Federal do Rio Grande do Sul; Orientador: Juliana Marcia Rogalski;

Tiago Lodi de Souza

Propagação vegetativa por tubérculos e estaquia em Tropaeolum pentaphyllum Lam; (crem) na região do Alto Uruguai, RS; 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, Instituto Federal do Rio Grande do Sul; Orientador: Juliana Marcia Rogalski;

Júnior Ferro

Sistema reprodutivo sexuado e produção de mudas por sementes em Tropaeolum pentaphyllum Lam; (crem); 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Agronegócio) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul; Orientador: Juliana Marcia Rogalski;

Taynah Cristina Ferreira Monteiro

Atividades lúdicas no Centro Equoterapia do Cavalo Crioulo buscando o desenvolvimento de pessoas com necessidades especiais ou vulnerabilidade social; 2018; Orientação de outra natureza; (Zootecnia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, Instituto Federal do Rio Grande do Sul; Orientador: Juliana Marcia Rogalski;

Cassiane Simone Gorosterazú

PET Conexões - Licenciatura em Ciências Agrícolas; 2018; Orientação de outra natureza; (Licenciatura em Ciências Agrícolas) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, Ministério da Educação e Cultura; Orientador: Juliana Marcia Rogalski;

Catia Inacia Franz

PET Conexões - Licenciatura em Ciências Agrícolas; 2018; Orientação de outra natureza; (Licenciatura em Ciências Agrícolas) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, Instituto Federal do Rio Grande do Sul; Orientador: Juliana Marcia Rogalski;

Juliana Assumpção Neitzke

PET Conexões - Licenciatura em Ciências Agrícolas; 2018; Orientação de outra natureza; (Licenciatura em Ciências Agrícolas) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, Instituto Federal do Rio Grande do Sul; Orientador: Juliana Marcia Rogalski;

Jonas Alex Nogueira

Implantação de Jardim sensorial na APAE como forma de aproximação da natureza e desenvolvimento dos sentidos do corpo humano; 2017; Orientação de outra natureza; (Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, Instituto Federal do Rio Grande do Sul; Orientador: Juliana Marcia Rogalski;

Laurita Klein Lamaison

PET Conexões - Licenciatura em Ciências Agrícolas; 2017; Orientação de outra natureza; (Licenciatura em Ciências Agrícolas) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul; Orientador: Juliana Marcia Rogalski;

Juliana Assumpção Neitzke

PET Conexões - Licenciatura em Ciências Agrícolas; 2017; Orientação de outra natureza; (Licenciatura em Ciências Agrícolas) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul; Orientador: Juliana Marcia Rogalski;

Bruna Aparecida dos Santos

PET Conexões - Licenciatura em Ciências Agrícolas; 2017; Orientação de outra natureza; (Licenciatura em Ciências Agrícolas) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul; Orientador: Juliana Marcia Rogalski;

Bruna Caus Rothmann

PET Conexões - Licenciatura em Ciências Agrícolas; 2017; Orientação de outra natureza; (Licenciatura em Ciências Agrícolas) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul; Orientador: Juliana Marcia Rogalski;

Catia Inacia Franz

PET Conexões - Licenciatura em Ciências Agrícolas; 2017; Orientação de outra natureza; (Licenciatura em Ciências Agrícolas) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, Ministério da Educação e Cultura; Orientador: Juliana Marcia Rogalski;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Ademir Reis

Distribuição espacial de Bromélias e Aráceas Epifíticas em diferentes Situações Topográficas de Florestas Ombrófila Densa, Ilha de Santa Catarina; ; 2007; Tese (Doutorado em Recursos Genéticos Vegetais) - Universidade Federal de Santa Catarina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Ademir Reis;

Ademir Reis

Biologia e conservação de bromeliáceas reófitas; 2003; 0 f; Tese (Doutorado em Recursos Genéticos Vegetais) - Universidade Federal de Santa Catarina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Ademir Reis;

Elisabete Maria Zanin

Epífitas Fanerogâmicas ornamentais de área a ser impactada: diagnóstico e sugestão de proposta; 1999; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências Biológicas Licenciatura) - Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões Erechim; Orientador: Elisabete Maria Zanin;

Elisabete Maria Zanin

Epífitas Vasculares do Estreito de Augusto César: diversidade taxonômica, ecologia, manejo de espécies e banco de germoplasma; Marcelino Ramos-RS; 1998; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências Biológicas Licenciatura) - Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões Erechim; Orientador: Elisabete Maria Zanin;

Maurício Sedrez dos Reis

Biologia da conservação da reófita Dyckia brevifolia (Baker) ? Rio Itajaí Açu SC; ; 2007; Tese (Doutorado em Recursos Genéticos Vegetais) - Universidade Federal de Santa Catarina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Coorientador: Maurício Sedrez dos Reis;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • RAMOS, FLAVIO NUNES MORTARA, SARA RIBEIRO MONALISA'FRANCISCO, NATHALIA ELIAS, JOÃO PEDRO COSTA NETO, LUIZ MENINI FREITAS, LEANDRO KERSTEN, RODRIGO AMORIM, ANDRÉ MÁRCIO MATOS, FERNANDO BITTENCOURT NUNES'FREITAS, ANDRÉ FELIPPE ALCANTARA, SUZANA ALEXANDRE, MARCIA HELENA NAGAHAMA ALMEIDA'SCABBIA, RENATA JIMENEZ ALMEIDA, ODAIR JOSÉ GARCIA ALVES, FERNANDA ELIANE OLIVEIRA ALVES, ROGÉRIO MARCOS ALVIM, FRANCINE SEEHABER ANDRADE, ANTÔNIO CARLOS SILVA ANDRADE, SIMONE AONA, LIDYANNE YURIKO SALEME ARAUJO, ANDRÉA CARDOSO ARAÚJO, KELIANNE CAROLINA TARGINO ARIATI, VANESSA ASSIS, JULIA CAMARA AZEVEDO, CECÍLIA OLIVEIRA , et al. BARBOSA, BRUNO FERREIRA BARBOSA, DANIEL ELIAS FERREIRA BARBOSA, FERNANDO DOS REIS BARROS, FABIO BASILIO, GEICILAINE ALVES BATAGHIN, FERNANDO ANTONIO BERED, FERNANDA BIANCHI, JULIANA SANTOS BLUM, CHRISTOPHER THOMAS BOELTER, CARLOS RENATO BONNET, Annete BRANCALION, PEDRO HENRIQUE SANTIN BREIER, TIAGO B'ER BRION, CAIO DE TOLEDO BUZATTO, CRISTIANO ROBERTO CABRAL, ANDRESSA CADORIN, TIAGO JOÃO CAGLIONI, EDER CANÊZ, LUCIANA CARDOSO, PEDRO HENRIQUE CARVALHO, FÁBIA SILVA CARVALHO, RENAN GONÇALVES CATHARINO, EDUARDO LUIS MARTINS CEBALLOS, SERGIO JAVIER CEREZINI, MONISE TERRA CÉSAR, RICARDO GOMES CESTARI, CESAR CHAVES, CLEBER JULIANO NEVES CITADINI'ZANETTE, VANILDE COELHO, LUIZ FRANCISCO MELLO COFFANI'NUNES, JOÃO VICENTE COLARES, RENATO COLLETTA, GABRIEL DALLA CORRÊA, NADJARA DE MEDEIROS COSTA, ANDREA FERREIRA COSTA, GRÊNIVEL MOTA COSTA, LAÍS MARA SANTANA COSTA, NATÁLIA GABRIELA SOUZA COUTO, DAYVID RODRIGUES CRISTOFOLINI, CAROLINE CRUZ, ANA CAROLINA RODRIGUES DEL NERI, LEOPOLDO ANGELO PASQUO, MERCEDES SANTOS DIAS, ALINE DIAS, LETÍCIA DO CARMO DUTRA DISLICH, RICARDO DUARTE, MARÍLIA CRISTINA FABRICANTE, JULIANO RICARDO FARACHE, FERNANDO HENRIQUE ANTONIOLLI FARIA, ANA PAULA GELLI FAXINA, CLAUDENICE FERREIRA, MARIANA TERROLA MARTINS FISCHER, ERICH FONSECA, CARLOS ROBERTO FONTOURA, TALITA FRANCISCO, TALITHA MAYUMI FURTADO, SAMYRA GOMES GALETTI, MAURO GARBIN, MÁRIO LUÍS GASPER, ANDRÉ LUÍS GOETZE, MÁRCIA GOMES'DA'SILVA, JANAÍNA GONÇALVES, MATEUS FELIPE ARAUJO GONZAGA, DIEGO RAFAEL SILVA, ANA CAROLINA GRANERO E GUARALDO, ANDRÉ DE CAMARGO GUARINO, ERNESTINO DE SOUZA GOMES GUISLON, ALINE VOTRI HUDSON, LUIGY BITENCOURT JARDIM, JOMAR GOMES JUNGBLUTH, PATRICIA KAESER, SELMA DOS SANTOS KESSOUS, IGOR MUSAUER KOCH, NATÁLIA MOSSMANN KUNIYOSHI, YOSHIKO SAITO LABIAK, PAULO HENRIQUE LAPATE, MARIA ESTHER SANTOS, ANA CAROLINA LAURENTI LEAL, ROBERTA LUÍSA BARBOSA LEITE, FELIPE SILVEIRA LEITMAN, PAULA LIBONI, ANA PAULA LIEBSCH, DIETER LINGNER, DÉBORA VANESSA LOMBARDI, JULIO ANTONIO LUCAS, EVE LUZZI, JHONNY DOS REIS MAI, PATRICIA MANIA, LUIZ FELIPE MANTOVANI, WALDIR MARAGNI, ANGELICA GUIDONI MARQUES, MARCIA CRISTINA MENDES MARQUEZ, GONZALO MARTINS, CRISTIANE MARTINS, LAURA DO NASCIMENTO MARTINS, PEDRO LUIZ SANGLARD SILVA MAZZIERO, FREDERICO FREGOLENTE FARACCO MELO, CAMILA DE AGUIAR MELO, MARIA MARGARIDA FIUZA MENDES, ALEX FERNANDO MESACASA, LETÍCIA MORELLATO, LEONOR PATRICIA CERDEIRA MORENO, VANESSA DE SOUZA MULLER, ADELCIO MURAKAMI, MARIANA MOREIRA DA SILVA CECCONELLO, EDINETE NARDY, CAMILA NERVO, MICHELLE HELENA NEVES, BEATRIZ NOGUEIRA, MATHEUS GUIMARÃES CARDOSO NONATO, FABIANA REGINA OLIVEIRA'FILHO, ARY TEIXEIRA OLIVEIRA, CÉSAR PEDRO LOPES OVERBECK, GERHARD ERNST MARCUSSO, GABRIEL MENDES PACIENCIA, MATEUS LUÍS BARRADAS PADILHA, PATRICIA PADILHA, PETERSON TEODORO PEREIRA, ANA CLARA ALVES PEREIRA, LUCIANA CARVALHO PEREIRA, RODRIGO AUGUSTO SANTINELO PINCHEIRA'ULBRICH, JIMMY PIRES, JOSÉ SALATIEL RODRIGUES PIZO, MARCO AURÉLIO PÔRTO, KÁTIA CAVALCANTI RATTIS, LUDMILA REIS, JOICE RODRIGUES DE MENDONÇA REIS, SIMONE GONÇALVES DOS ROCHA'PESSÔA, THEREZA CHRISTINA ROCHA, CARLOS FREDERICO DUARTE ROCHA, FERNANDO SOUZA RODRIGUES, ALBA REGINA PEREIRA RODRIGUES, RICARDO RIBEIRO ROGALSKI, JULIANA MARCIA ROSANELLI, ROBERTA LUIZA ROSSADO, ANDRÉS ROSSATTO, DAVI RODRIGO ROTHER, DÉBORA CRISTINA RUIZ'MIRANDA, CARLOS RAMON SAITER, FELIPE ZAMBORLINI SAMPAIO, MAURICIO BONESSO SANTANA, LUCAS DEZIDERIO SANTOS, JULIANA SILVEIRA DOS SARTORELLO, RICARDO SAZIMA, MARLIES SCHMITT, JULIANE LUZÍA SCHNEIDER, GENIANE SCHROEDER, BRUNA GROSCH SEVEGNANI, LUCIA JÚNIOR, VASCONCELOS OLIVEIRA SILVA SILVA, FERNANDO RODRIGUES SILVA, MARIA JULIANA SILVA, MÉRCIA PATRÍCIA PEREIRA SILVA, RAFAELA GUIMARÃES SILVA, SANDRO MENEZES SINGER, RODRIGO BUSTOS SIQUEIRA, GEOVANE SOARES, LUIS EDUARDO SOUSA, HILDEBERTO CALDAS SPIELMANN, ADRIANO TONETTI, VINICIUS RODRIGUES TONIATO, MARIA TERESA ZUGLIANI ULGUIM, PAULO SÉRGIO BORDONI BERG, CÁSSIO BERG, EDUARDO VARASSIN, ISABELA GALARDA SILVA, IZABELA BITENCOURT VELOSO VIBRANS, ALEXANDER CHRISTIAN WAECHTER, JORGE LUIZ WEISSENBERG, ERICK WILLY WINDISCH, PAULO GÜNTER WOLOWSKI, MARINA YAÑEZ, AGUSTINA YOSHIKAWA, VANIA NOBUKO ZANDONÁ, LUCIANO RAMOS ZANELLA, CAMILA MARTINI ZANIN, Elisabete Maria ZAPPI, DANIELA CRISTINA ZIPPARRO, VALESCA BONONI ZORZANELLI, JOÃO PAULO FERNANDES RIBEIRO, MILTON CEZAR ; ATLANTIC EPIPHYTES : a data set of vascular and non-vascular epiphyte plants and lichens from the Atlantic Forest. ECOLOGY , v. 100, p. e02541, 2019.

  • ROGALSKI, JULIANA MARCIA ; REIS, Ademir ; ROGALSKI, Marcelo ; MONTAGNA, TIAGO ; DOS REIS, MAURÍCIO SEDREZ . Mating System and Genetic Structure Across All Known Populations of Dyckia brevifolia: A Clonal, Endemic, and Endangered Rheophyte Bromeliad. JOURNAL OF HEREDITY , v. 108, p. 299-307, 2017.

  • ROGALSKI, JULIANA MARCIA ; REIS, Ademir ; DOS REIS, MAURÍCIO SEDREZ ; DE QUEIROZ, MAIKE HERING . Spatial distribution of Araceae on phorophytes in different areas of submontane rainforest, Santa Catarina Island (SC), Southern Brazil. Brazilian Journal of Botany , v. 39, p. 1077-1086, 2016.

  • ROGALSKI, Juliana Marcia ; REIS, Ademir ; REIS, Maurício Sedrez ; HMELJEVSKI, Karina Vanessa . Biologia reprodutiva da reófita Dyckia brevifolia Baker (Bromeliaceae),no Rio Itajaí-Açu, Santa Catarina, Brasil. REVISTA BRASILEIRA DE BOTÂNICA (IMPRESSO) , v. 32, p. 691-702, 2009.

  • ROGALSKI, Juliana Marcia ; REIS, Ademir ; REIS, Maurício Sedrez ; HMELJEVSKI, Karina Vanessa ; LENZI, Maurício . Caracterização do sistema reprodutivo da reófita Dyckia brevifolia Baker, Rio Itajaí-Açú, SC. Revista Brasileira de Biociências (Impresso) , v. 5, p. 270-272, 2007.

  • ROGALSKI, Juliana Marcia ; REIS, Ademir ; REIS, Maurício Sedrez ; DALTRINI NETO, Cássio . Estrutura demográfica da bromélia clonal Dyckia brevifolia Baker, Rio Itajaí-Açú, SC. Revista Brasileira de Biociências (Impresso) , v. 5, p. 264-266, 2007.

  • HMELJEVSKI, Karina Vanessa ; REIS, Ademir ; REIS, Maurício Sedrez ; ROGALSKI, Juliana Marcia ; DALTRINI NETO, Cássio ; LENZI, Maurício . Resultados preliminares da biologia reprodutiva de Dyckia ibiramensis Reitz (Bromeliaceae): uma espécie rara e endêmica de Santa Catarina. Revista Brasileira de Biociências (Impresso) , v. 5, p. 267-269, 2007.

  • ROGALSKI, Juliana Marcia ; ZANIN, Elisabete Maria . Composição florística de epífitos vasculares no estreito de Augusto César, Floresta Estacional Decidual do Rio Uruguai, RS, Brasil.. Revista Brasileira de Botânica (Impresso) , v. 26, p. 551-556, 2003.

  • ROGALSKI, Juliana Marcia ; SILVA, D. ; BALESTRIN, J. T. ; ARGENTA, J. ; RIBEIRO-DOS-SANTOS, C. D. ; SOUZA, T. L. . Fichas Biodiversas: Crem. In: EMATER. (Org.). Plantas Alimentícias Não Convencionais PANCs. 1ed.Porto Alegre: EMATER/RS - ASCAR, 2018, v. 1, p. 1-3.

  • ROGALSKI, Juliana Marcia ; REIS, Ademir . Conservação de reófitas: o caso da bromélia Dyckia brevifolia baker, Rio Itajaí-Açu, SC. In: TRES, D.R.; REIS, A.. (Org.). Perspectivas sistêmicas para a conservação e restauração ambiental: do pontual ao contexto. 1ed.Itajaí: Herbário Barbosa Rodrigues/CNPq, 2009, v. , p. 335-344.

  • ROGALSKI, Juliana Marcia ; GOROSTERRAZU, C. S. ; ANTUNES, I. ; VASCONCELOS, T. N. ; LANGARO, D. ; GERALDO, B. G. ; REGAUER, C. P. ; SANTOS, J. ; GATTI, I. ; ZENI, J. ; CADINI, S. M. ; KOCHHANN, A. V. M. ; BAUERMANN, D. ; VASCONCELOS, T. R. . Avaliando a Aprendizagem da Bovinocultura de Leite por meio de Questionários. In: Anais do XIX ENAPET, 2014, Santa Maria. Anais do XIX do ENAPET. Santa Maria: UFSM, 2014.

  • ROGALSKI, Juliana Marcia ; GATTI, I. ; ANTUNES, I. ; ZENI, J. ; GOROSTERRAZU, C. S. ; REGAUER, C. P. ; GERALDO, B. G. ; LANGARO, D. ; SANTOS, J. ; VASCONCELOS, T. N. ; CADINI, S. M. ; MOURA, P. R. O. . Vivenciando a Avicultura por meio de Atividades Práticas e Lúdicas. In: XIX ENAPET, 2014, Santa Maria. Anais do XIX ENAPET, 2014.

  • ROGALSKI, Juliana Marcia ; SOUZA, T. L. ; BETTO, A. S. ; ARGENTA, J. ; RIBEIRO-DOS-SANTOS, C. D. . Produção de tubérculos de Tropaeolum pentaphyllum Lam. (crem) por meio de sementes e estaquia, na região do Alto Uruguai, RS. In: 4º Seminário Brasileiro de Gestão Ambental na Agricultura, 2014, Bento Gonçalves. Anais do 4º Seminário Brasileiro de Gestão Ambental na Agricultura, 2014. p. 49-54.

  • ROGALSKI, Juliana Marcia ; ANTUNES, I. ; VASCONCELOS, T. N. ; LANGARO, D. ; GERALDO, B. G. ; GOROSTERRAZU, C. S. ; REGAUER, C. P. ; SANTOS, J. ; GATTI, I. ; ZENI, J. ; CADINI, S. M. ; KOCHHANN, A. V. M. ; NAPP, C. ; BAUERMANN, D. ; VASCONCELOS, T. R. . Vivenciando a Bovinocultura de Leite por meio de atividades práticas e lúdicas.. In: II Seminário Internacional de Educação do Campo e Fórum Regional do Centro e Sul do RS: educação, memória e resistência popular na formação social da América Latina, 2014, Santa Maria. Educação, memória e resistência popular na formação social da América Latina. II SIFEDOC. Santa Maria: UFSM, 2014. v. 1. p. 3648-3657.

  • ROGALSKI, Juliana Marcia ; SOUZA, T. L. ; Ferro, Junior . Biometria de frutos e sementes de Tropaeolum pentaphyllum (Tropaeolaceae).. In: 64º Congresso Nacional de Botânica / XXXIII Encontro Regional de Botânicos MG, BA e ES, 2013, Belo Horuzonte. Anais do 64º Congresso Nacional de Botânica, 2013.

  • ROGALSKI, Juliana Marcia ; BETTO, A. S. ; SOUZA, T. L. . Formação de banco de sementes por Tropaeolum pentaphyllum (Tropaeolaceae).. In: 64º Congresso Nacional de Botânica / XXXIII Encontro Regional de Botânicos MG, BA e ES, 2013, Belo Horizonte. Anais do 64º Congresso Nacional de Botânica, 2013.

  • ROGALSKI, Juliana Marcia ; SOUZA, T. L. ; Ferro, Junior ; RIZZI, T. . Fenologia de Tropaeolum pentaphyllum Lam. (Crem) na região do Alto Uruguai - RS. In: 63º Congresso Nacional de Botânica - Botânica frente às mudanças globais, 2012, Joinville. Anais do 63º Congresso Nacional de Botânica. Joinville, 2012.

  • RIBEIRO-DOS-SANTOS, C. D. ; SILVESTRI, A. ; OLIVEIRA, V. E. ; ROGALSKI, Juliana Marcia . Oficinas para montagem de coleção botânica didática. In: II Mostra Científica, Tecnológica e de Inovação e I Mostra de Extensão do IFRS Campus Sertão, 2012, Sertão. Livro de resumos da II Mostra Científica, Tecnológica e de Inovação e I Mostra de Extensão do IFRS Campus Sertão, 2012. p. 28-31.

  • BORTOLINI, F. ; SOUZA, T. L. ; KLINKOSKI, S. J. ; ROGALSKI, Juliana Marcia . Germinação, desenvolvimento e formação de tubérculos em Tropaeolum pentaphylum Lam (crem), na região do Alto Uruguai. In: II Mostra Científica, Tecnológica e de Inovação e I Mostra de Extensão do IFRS Campus Sertão, 2012, Sertão. Resumos do II Mostra Científica, Tecnológica e de Inovação e I Mostra de Extensão do IFRS Campus Sertão. Sertão: IFRS, 2012. p. 72-75.

  • ROGALSKI, Juliana Marcia ; SOUZA, T. L. . Propagação vegetativa por tubérculos e estaquia em Tropaeolum pentaphyllum Lam. (crem) na região do Alto Uruguai, RS. In: I Seminário de Inciação Científica e Tecnológica do IFRS, 2012, Bento Gonçalves. Anais do I Seminário de Inciação Científica e Tecnológica do IFRS. Bento Gonçalves, 2012.

  • ROGALSKI, Juliana Marcia ; BERKENBROCK, Isabela Schmitt ; REIS, Ademir ; REIS, Maurício Sedrez . Sucessão e diversidade como fundamentos básicos na restauração ambiental. In: VI Simpósio Nacional e Congresso Latino-americano de Recuperação de Áreas Degradadas, 2005, Curitiba. Anais do VI Simpósio Nacional e Congresso Latino-americano de Recuperação de Áreas Degradadas. Curitiba: SOBRADE, 2005. p. 433-439.

  • ROGALSKI, Juliana Marcia ; QUEIROZ, Maike Hering de . Aráceas epifíticas em diferentes situações topográficas em Floresta Ombrófila Densa. Ilha de Santa Catarina: resultados preliminares. In: V Congresso de Ecologia do Brasil. Ambiente xSociedade, 2001, Porto Alegre. Resumos do V Congresso de Ecologia do Brasil. AmbientexSociedade, 2001.

  • QUEIROZ, Maike Hering de ; GOMES, Gabriela S ; HINKEL, Rudinei ; ROGALSKI, Juliana Marcia ; SALOMÉ, James ; SANTOS, Daisy ; SCHLEE JR, José Milton ; SLONSKI, Gladis Teresinha ; ZANIN, Vanessa T ; ZOMAS, Beatriz C ; CALDAS, Carla . Traçado preliminar de corredores ecológicos na Ilha de Santa Catarina. In: Simpósio Nacional de recuperação de Áreas Degradadas 'Silvicultura Ambiental, 2000, Blumenau, 2000.

  • SILVA, D. ; BALESTRIN, J. T. ; MESACASA, L. ; ROGALSKI, Juliana Marcia . Avaliação da brotação de tubérculos de Tropaeolum pentaphyllum Lam. em Sertão, RS. In: IV Fórum Regional de Conservação e Biodiversidade, 2018, Passo Fundo. Anais do IV Fórum Regional de Conservação e Biodiversidade. Passo Fundo: UPF, 2018.

  • BALESTRIN, J. T. ; RIBAS, J. L. ; SILVA, D. ; ROGALSKI, Juliana Marcia . Descrição morfológica da fase vegetativa de Tropaeolum pentaphyllum Lam. (Tropaeolaceae) na região do Alto Uruguai/RS. In: IV Fórum Regional de Conservação e Biodiversidade, 2018, Passo Fundo. Anais do IV Fórum Regional de Conservação e Biodiversidade. Passo Fundo: UPF, 2018.

  • ROGALSKI, JULIANA MARCIA . O Uso do néctar e sucesso reprodutivo em Mandevilla funiformis (Apocynaceae) na Ilha de Santa Catarina (SC). In: III Simpósio Brasileiro de Polinização, 2018, Botucatu. Anais do III Simpósio Brasileiro de Polinização, 2018.

  • SILVA, D. ; BALESTRIN, J. T. ; ROGALSKI, JULIANA MARCIA . Visitantes florais de Tropaeolum pentaphyllum na região do Alto Uruguai (RS). In: III Simpósio Nacional de Polinização, 2018, Botucatu. Anais do III Simpósio Nacional de Polinização. Botucatu, 2018.

  • ROGALSKI, Juliana Marcia ; Ferro, Junior ; SOUZA, T. L. . Sistema reprodutivo sexuado e produção de mudas por sementes em Tropaeolum pentaphyllum Lam. (crem). In: I Mostra Ciêntífica, Tecnológica e Inovação do IFRS Campus Sertão, 2011, Sertão/RS. Anais da I Mostra Ciêntífica, Tecnológica e Inovação do IFRS Campus Sertão. Sertão: IFRS, 2011.

  • ROGALSKI, Juliana Marcia ; REIS, Ademir ; REIS, Maurício Sedrez ; HMELJEVSKI, Karina Vanessa ; LENZI, Maurício . Caracterização do sistema reprodutivo da reófita Dyckia brevifolia Baker, Rio Itajaí-Açú, SC. In: 57° Congresso Nacional de Botânica, 13° Encontro Estadual de Botânicos e 5° Encontro Estadual de Herbários, 2006, Gramado. Anais do 57° Congresso Nacional de Botânica, 13° Encontro Estadual de Botânicos e 5° Encontro Estadual de Herbários. Gramado, 2006.

  • ROGALSKI, Juliana Marcia ; REIS, Ademir ; REIS, Maurício Sedrez ; DALTRINI NETO, Cássio . Estrutura demográfica da bromélia clonal Dyckia brevifolia Baker, Rio Itajaí-Açú, SC. In: 57° Congresso Nacional de Botânica, 13° Encontro Estadual de Botânicos e 5° Encontro Estadual de Herbários, 2006, Gramado. Anais do 57° Congresso Nacional de Botânica, 13° Encontro Estadual de Botânicos e 5° Encontro Estadual de Herbários. Gramado, 2006.

  • ROGALSKI, Juliana Marcia ; VIEIRA, Neide Koehntopp ; BERKENBROCK, Isabela Schmitt ; REIS, Ademir . Estrutura demográfica da reófita Dyckia ibiramensis Reitz, uma espécie endêmica do Rio Hercílio, Ibirama, SC. In: 56° Congresso Nacional de Botânica, 2005, Curitiba. Anais do 56° Congresso Nacional de Botânica. Curitiba, 2005.

  • ROGALSKI, Juliana Marcia ; HOELTGBAUM, M. P. ; BONNET, Annete ; QUEIROZ, Maike Hering de . Bromélias como indicadoras na regeneração florestal. In: VI Congresso de Ecologia do Brasil. Ecossistemas brasileiros: manejo e conservação., 2003, Fortaleza. Anais do VI Congresso de Ecologia do Brasil. Ecossistemas brasileiros: manejo e conservação.. Fortaleza, 2003.

  • QUEIROZ, Maike Hering de ; HINKEL, Rudinei ; ROGALSKI, Juliana Marcia ; SALOMÉ, James ; SANTOS, Daisy ; SCHLEE JR, José Milton ; SLONSKI, Gladis Teresinha ; ZANIN, Vanessa T ; ZOMAS, Beatriz C ; CALDAS, Carla . Traçado preliminar de corredores ecológicos na iLha de Santa Catarina. In: IV Simpósio Nacional Recuperação de Áreas Degradas "Silvicultura Ambiental", 2000, Blumenau. Anais do IV Simpósio Nacional Recuperação de Áreas Degradas "Silvicultura Ambiental". Blumenau: SOBRADE, 2000.

  • ROGALSKI, JULIANA MARCIA ; SANTIN, G. ; PASQUALOTTO, L. ; GAVA, L. ; MESACASA, L. ; MUNARETTO, V. J. ; SILVA, D. . Biometria de mericarpos e sementes e germinação de Tropaeolum pentaphyllum Lam. (Tropaeolaceae) na região do Alto Uruguai, RS. In: 69° Congresso Nacional de Botânica., 2018, Cuiabá. Anais do 69° Congresso Nacional de Botânica., 2018.

  • ROGALSKI, JULIANA MARCIA ; SANTOS, B. A. ; ROTHMANN, B. C. ; GOROSTERRAZU, C. S. ; FRANZ, C. I. ; DELIBERAL, J. ; NOGUEIRA, J. A. ; NEITZKE, J. A. ; LAMAISON, L. K. ; LAMB, R. ; FERRARI, V. . Implantação de um jardim sensorial na APAE de Sertão, RS. In: 69° Congresso Nacional de Botânica, 2018, Cuiabá. Anais do 69° Congresso Nacional de Botânica, 2018.

  • SILVA, D. ; SANTIN, G. ; PASQUALOTTO, L. ; GAVA, L. ; MESACASA, L. ; MUNARETTO, V. J. ; ROGALSKI, Juliana Marcia . Diversidade e comportameto dos visitantes florais de Tropaeolum pentaphyllum Lam. (Tropaeolaceae) em Sertão, RS. In: 69° Congresso Nacional de Botânica, 2018, Cuiabá. Anais do 69° Congresso Nacional de Botânica, 2018.

  • BALESTRIN, J. T. ; SILVA, D. ; SANTIN, G. ; MUNARETTO, V. J. ; ROGALSKI, Juliana Marcia . Brotação e número de brotos emitidos durante um ciclo de cultivo de Tropaeolum pentaphyllum Lam. (Tropaeolaceae) na região do Alto Uruguai/RS. In: 69° Congresso Nacional de Botânica, 2018, Cuiabá. Anais do 69° Congresso Nacional de Botânica, 2018.

  • SILVA, D. ; SANTIN, G. ; PASQUALOTTO, L. ; GAVA, L. ; MESACASA, L. ; MUNARETTO, V. J. ; ROGALSKI, Juliana Marcia . Produção de tubérculos de Tropaeolum pentaphyllum Lam. (Tropaeolaceae) após um ciclo de cultivo. In: 69° Congresso Nacional de Botânica, 2018, Cuiabá. Anais do 69° Congresso Nacional de Botânica, 2018.

  • BALESTRIN, J. T. ; SILVA, D. ; SANTIN, G. ; PASQUALOTTO, L. ; GAVA, L. ; MESACASA, L. ; MUNARETTO, V. J. ; ROGALSKI, Juliana Marcia . Avaliação da biometria de tubérculos de Tropaeolum pentaphyllum Lam. (Tropaeolaceae) na região do Alto Uruguai/RS. In: 69° Congresso Nacional de Botânica, 2018, Cuiaba. Anais do 69° Congresso Nacional de Botânica, 2018.

  • BALESTRIN, J. T. ; RIBAS, J. L. ; SILVA, D. ; HUPPES, F. M. ; ROGALSKI, Juliana Marcia . Estaquia em Tropaeolum pentaphyllum Lam. (Tropaeolaceae). In: 3° Sertão Aplicado - MOEPEX, 2018, Sertão. Anais do 3° Sertão Aplicado - MOEPEX. Sertão: IFRS, 2018.

  • SILVA, D. ; MESACASA, L. ; GAVA, L. ; PASQUALOTTO, L. ; ROGALSKI, Juliana Marcia . Estudo da reprodução de Tropaeolum pentaphyllum Lam. no Alto Uruguai/RS: polinização, germinação e propagação vegetativa. In: 3º Salão de Pesquisa, Extensão e Ensino, 2018, Bento Gonçalves. Anais do 3º Salão de Pesquisa, Extensão e Ensino. Bento Gonçalves: IFRS, 2018.

  • SILVA, D. ; MESACASA, LETÍCIA ; GAVA, L. ; PASQUALOTTO, L. ; ROGALSKI, Juliana Marcia . Aspectos reprodutivos de Tropaeolum pentaphyllum Lam. (crem): polinização e germinação. In: 3° Sertão Aplicado - MOEPEX, 2018, Sertão. Anais do 3° Sertão Aplicado - MOEPEX. Sertão: IFRS, 2018.

  • HUPPES, F. M. ; BALESTRIN, J. T. ; SILVA, D. ; ROGALSKI, Juliana Marcia . Germinação de sementes e produção de tubérculos em Tropaeolum pentaphyllum Lam. (Tropaeolaceae) na Região do Alto Uruguai/RS.. In: 3° Sertão Aplicado - MOEPEX, 2018, Sertão. Anais do 3° Sertão Aplicado - MOEPEX. Sertão: IFRS, 2018.

  • HUPPES, F. M. ; BALESTRIN, J. T. ; SILVA, D. ; ROGALSKI, Juliana Marcia . Produção de tubérculos por plantas oriundas de sementes em Tropaeolum pentaphyllum Lam. (Tropaeolaceae) na região do Alto Uruguai/RS.. In: 3º Salão de Pesquisa, Extensão e Ensino do IFRS, 2018, Bento Gonçalves. Anais do 3º Salão de Pesquisa, Extensão e Ensino do IFRS. Bento Gonçalves: IFRS, 2018.

  • RIBAS, J. L. ; BALESTRIN, J. T. ; SILVA, D. ; ROGALSKI, Juliana Marcia . Descrição morfológica de caracteres vegetativos de Tropaeolum pentaphyllum Lam. (Tropaeolaceae) na região do Alto Uruguai/RS. In: 3° Sertão Apicado - MOEPEX, 2018, Sertão. Anais do 3° Sertão Apicado - MOEPEX. Sertão: IFRS, 2018.

  • ROGALSKI, Juliana Marcia ; GRADIN, R. S. ; MESACASA, L. . Biometria dos tubérculos de Tropaeolum pentaphyllum Lam. (Tropaeolaceae). In: 68°Congresso Nacional de Botânica e XXXVI Jornada Fluminense de Botânica, 2017, Rio de Janeiro. Anais do 68°Congresso Nacional de Botânica e XXXVI Jornada Fluminense de Botânica. São Paulo: SBB, 2017.

  • ROGALSKI, JULIANA MARCIA . Implantação do jardim sensorial como forma de aproximação da natureza e desenvolvimento dos sentidos do corpo humano. In: 68°Congresso Nacional de Botânica e XXXVI Jornada Fluminense de Botânica, 2017, Rio de Janeiro. Anais do 68°Congresso Nacional de Botânica e XXXVI Jornada Fluminense de Botânica. Brasília: SBB, 2017.

  • MESACASA, L. ; ROGALSKI, JULIANA MARCIA . Florística de epífitos vasculares em fragmentos de Ombrófila Mista, munícipio de Nova Alvorada, RS. In: 68°Congresso Nacional de Botânica e XXXVI Jornada Fluminense de Botânica., 2017, Rio de Janeiro. Anais do 68°Congresso Nacional de Botânica e XXXVI Jornada Fluminense de Botânica.. Brasília: SBB, 2017.

  • MESACASA, L. ; RECH, A. L. ; GRADIN, R. S. ; TRINDADE, M. A. ; ROGALSKI, JULIANA MARCIA . Florística e distruibuição vertical das epífitas vasculares no Parque Natural Municipal de Sertão, RS. In: 68°Congresso Nacional de Botânica e XXXVI Jornada Fluminense de Botânica., 2017, Rio de Janeiro. Anais do 68°Congresso Nacional de Botânica e XXXVI Jornada Fluminense de Botânica.. Brasília: SBB, 2017.

  • SILVA, D. ; ARGENTA, J. ; RIZZARDO, A. ; ROGALSKI, JULIANA MARCIA . Acompanhamento da brotação dos tubérculos de Tropaeolum pentaphyllum Lam. (Tropaeolaceae) na região do Alto Uruguai/RS. In: 68°Congresso Nacional de Botânica e XXXVI Jornada Fluminense de Botânica., 2017, Rio de Janeiro. Anais do 68°Congresso Nacional de Botânica e XXXVI Jornada Fluminense de Botânica.. Brasilia: SBB, 2017.

  • SILVA, D. ; MESACASA, L. ; GRADIN, R. S. ; ROGALSKI, JULIANA MARCIA . Emissão de brotos em tubérculos de Tropaeolum pentaphyllum Lam. (Tropaeolaceae) na região do Alto Uruguai/RS. In: 68°Congresso Nacional de Botânica e XXXVI Jornada Fluminense de Botânica., 2017, Rio de Janeiro. Anais do 68°Congresso Nacional de Botânica e XXXVI Jornada Fluminense de Botânica, 2017.

  • MESACASA, L. ; ROGALSKI, JULIANA MARCIA . Florística e distribuição espacial de epífitas vasculares no Parque Natural Municipal de Sertão, RS. In: 2° Salão de Pesquisa, Extensão e Ensino do IFRS, 2017, Bento Gonçalves. Anais do 2° Salão de Pesquisa, Extensão e Ensino do IFRS, 2017.

  • SILVA, D. ; PASQUALOTTO, L. ; GAVA, L. ; SANTIN, G. ; MUNARETTO, V. J. ; MESACASA, L. ; ROGALSKI, JULIANA MARCIA . Biometria e brotação de tubérculos de Tropaeolum pentaphyllum Lam. (Tropaeolaceae) na região do Alto uruguai, RS. In: II Sertão Aplicado: MOEPEX, 2017, Sertão. Anais do II Sertão Aplicado: MOEPEX. Sertão: IFRS, 2017.

  • MUNARETTO, V. J. ; SANTIN, G. ; ROGALSKI, JULIANA MARCIA . Biologia reprodutiva de Tropaeolum pentaphyllum Lam. (crem) em Sertão, RS. In: II Sertão Aplicado: MOEPEX, 2017, Sertão. Anais do II Sertão Aplicado: MOEPEX. Sertão: IFRS, 2017.

  • SANTOS, C. D. R. ; BETTO, A. S. ; ROGALSKI, Juliana Marcia . Propagação de Tropaeolum penthaphyllum Lam. (Tropaeolaceae) por estaquia em diferentes épocas de plantio, no município de Sertão - RS. In: 67° Congresso Nacional de Botânica, 2016, Vitória. Anais do 67° Congresso Nacional de Botânica. Vitória: SBB, 2016.

  • SANTOS, C. D. R. ; BETTO, A. S. ; ROGALSKI, JULIANA MARCIA . Avaliação da produção de tubérculos por estaquia de Tropaeolum pentaphyllum Lam. (Tropaeolaceae) em diferentes épocas de plantio, Sertão - RS. In: 67º CONGRESSO NACIONAL DE BOTÂNICA, XXXVI ERBOT e 8ª JORNADA CAPIXABA DE BOTÂNICA,, 2016, Vitória. Anais do 67º CONGRESSO NACIONAL DE BOTÂNICA, XXXVI ERBOT e 8ª JORNADA CAPIXABA DE BOTÂNICA,. Vitória: SBB, 2016.

  • ROGALSKI, Juliana Marcia ; MESACASA, L. ; RECH, A. L. . Florística de epífitas vasculares no Parque Natural Municipal De Sertão, RS. In: 67º Congresso Nacional de Botânica, XXXVI ERBOT e 8ª Jornada Capixaba de Botânica, 2016, Vitória. Anais do 67º Congresso Nacional de Botânica, XXXVI ERBOT e 8ª Jornada Capixaba de Botânica, 2016.

  • ROGALSKI, Juliana Marcia ; SANTOS, B. A. ; OLIVEIRA, C. P. ; SCHIMELFENIG, E. B. ; NEITZKE, J. A. ; GUIZZO, J. ; LAMAISON, L. K. ; LAMB, R. ; CADINI, S. M. ; GERALDO, B. G. . O uso de plantas medicinais na comunidade de Linha Secco, Sertão, RS. In: 67º Congresso Nacional de Botânica, XXXVI ERBOT e 8ª Jornada Capixaba de Botânica, 2016, Vitória. Anais do 67º Congresso Nacional de Botânica, XXXVI ERBOT e 8ª Jornada Capixaba de Botânica, 2016.

  • MESACASA, L. ; GRADIN, R. S. ; ROGALSKI, Juliana Marcia . Implantação de um banco de germoplasma de Tropaeolum pentaphyllum Lam., em Sertão, RS. In: Sertão Aplicado - 6º Mostra de Iniciação Científica, Tecnológica e de Inovação, 2016, Sertão. Anais do Sertão Aplicado - 6º Mostra de Iniciação Científica, Tecnológica e de Inovação. Sertão: IFRS, 2016.

  • ARGENTA, J. ; RIZZARDO, A. ; ROGALSKI, Juliana Marcia . Brotação de tubérculos de Tropaeolum pentaphyllum Lam. (Tropaeolaceae) por classe de peso, Sertão, RS. In: 66º Congresso Nacional de Botânica, 2015, Santos. Anais do 67° Congresso Nacional de Botânica, 2015.

  • ARGENTA, J. ; RIZZARDO, A. ; ROGALSKI, Juliana Marcia . Ganho de peso dos tubérculos de Tropaeolum penthapyllum Lam. (Tropaeolaceae) após um ciclo anual de cultivo. In: 66º Congresso Nacional de Botânica, 2015, Santos. Anais do 66º Congresso Nacional de Botânica, 2015.

  • ROGALSKI, JULIANA MARCIA ; REIS, Ademir ; REIS, M. S. . Polinização mista na reófita Dyckia brevifolia Baker (Bromeliaceae), Rio Itajaí-Açu, SC. In: 66° Congresso Nacional de Botânica, 2015, Santos. 66° Congresso Nacional de Botânica. Brasília: SBB, 2015.

  • ROGALSKI, JULIANA MARCIA ; ARGENTA, J. ; RIZZARDO, A. . Fenologia de Tropaeolum pentaphyllum Lam. (Tropaeolaceae) na Região do Alto Uruguai, RS. In: 66° Congresso Nacional de Botânica, 2015, Santos. Anais do 66° Congresso Nacional de Botânica. Brasília: SBB, 2015.

  • RECH, A. L. ; MESACASA, L. ; MELO, N. G. ; ROGALSKI, Juliana Marcia . Levantamento florístico de epífitos vasculares no Parque Natural Municipal de Sertão, RS. In: 4º Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica do IFRS, 2015, Bento Gonçalves. Anais do 4º Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica do IFRS. Bento Gonçalves: IFRS, 2015.

  • ARGENTA, J. ; RIZZARDO, A. ; ROGALSKI, Juliana Marcia . Estudo da fenologia de indivíduos de Tropaeolum pentaphyllum Lam. (crem) durante um ciclo de cultivo. In: V Mostra Científica de Tecnologia e Inovação e IV Mostra de Extensão, 2015, Setão. Anais da V Mostra Científica de Tecnologia e Inovação e IV Mostra de Extensão, 2015.

  • ROGALSKI, JULIANA MARCIA ; SOUZA, T. L. ; BETTO, A. S. . Avaliação da estaquia em Tropaeolum pentaphyllum Lam. (crem) Tropaeolaceae na região do Alto Uruguai. In: 65º Congresso Nacional de Botânica, 2014, Salvador. Anais do 65º Congresso Nacional de Botânica. Brasília: SBB, 2014.

  • ARGENTA, J. ; RIZZARDO, J. ; ROGALSKI, JULIANA MARCIA . Caracterização fenológica de Tropaeolum pentaphyllum Lam. (Tropaeolaceae) na região do Alto Uruguai, RS. In: 65º Congresso Nacional de Botânica, 2014, Salvador. Anasi do 65º Congresso Nacional de Botânica. Brasília: SBB, 2014.

  • ROGALSKI, JULIANA MARCIA ; BETTO, A. S. ; SOUZA, T. L. . Germinação de sementes de Tropaeolum pentaphyllum Lam. (crem). In: 65° Congresso Nacional de Botânica, 2014, Salvador. Anais do 65° Congresso Nacional de Botânica. Brasília: SBB, 2014.

  • ROGALSKI, JULIANA MARCIA ; ARGENTA, J. . Visitantes florais de Tropaeolum pentaphyllum Lam. (Tropaeolaceae) no município de Sertão, RS. In: 65° Congresso Nacional de Botânica, 2014, Salvador. Anais do 67° Congresso Nacional de Botânic5. Brasília: SBB, 2014.

  • RECH, A. L. ; MESACASA, L. ; SANTOS, M. ; ROGALSKI, Juliana Marcia . Levantamento florístico de epífitos vasculares no Parque Natural Municipal de Sertão, RS. In: 3° Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica do IFRS, 2014, Bento Gonçalves. Anais do 3° Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica do IFRS. Bento Gonçalves: IFRS, 2014.

  • ARGENTA, J. ; RIZZARDO, J. ; BETTO, A. S. ; ROGALSKI, Juliana Marcia . Biologia reprodutiva de Tropaeollum pentaphyllum Lam. (crem) na região do Alto Uruguai. In: III Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica, do Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, 2014, Bento Gonçalves. Anais do II Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica, do Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul. Bento Gonçalves: IFRS, 2014.

  • BETTO, A. S. ; RIBEIRO-DOS-SANTOS, C. D. ; ARGENTA, J. ; ROGALSKI, Juliana Marcia . Propagaçao de Tropaeollum penthaphyllum.(crem) por estaquia e semente. In: 3° Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica do IFRS, 2014, Bento Gonçalves. Anais do 3° Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica do IFRS. Bento Gonçalves: IFRS, 2014.

  • ROGALSKI, Juliana Marcia ; REIS, Ademir ; REIS, Maurício Sedrez . Distribuição da reófita Dyckia brevifolia Baker (Bromeliaceae) na bacia do Itajaí, SC.. In: XI Congresso de Ecologia do Brasil & I Congresso Internacional de Ecologia, 2013, Porto Seguro. Resumos do XI Congresso de Ecologia do Brasil & I Congresso Internacional de Ecologia, 2013.

  • SOUZA, T. L. ; ROGALSKI, Juliana Marcia . Avaliação fenológica do primeiro ciclo anual de Tropaeolum pentaphyllum Lam. (crem) na região do Alto Uruguai, RS. In: XI Congresso de Ecologia do Brasil & I Congresso Internacional de Ecologia, 2013, Porto Seguro. Resumos do XI Congresso de Ecologia do Brasil & I Congresso Internacional de Ecologia, 2013.

  • ROGALSKI, Juliana Marcia ; Ferro, Junior ; SOUZA, T. L. . Germinação de Tropaeolum pentaphyllum Lam. (CREM) na região do Alto Uruguai - RS. In: 63º Congresso Nacional de Botânica - Botânica frente às mudanças globais, 2012, Joinville. Anais do 63º Congresso Nacional de Botânica. Joinville, 2012.

  • HMELJEVSKI, Karina Vanessa ; REIS, Ademir ; REIS, Maurício Sedrez ; ROGALSKI, Juliana Marcia ; DALTRINI NETO, Cássio ; LENZI, Maurício . Resultados preliminares da biologia reprodutiva de Dyckia ibiramensis Reitz (Bromeliaceae). In: 57° Congresso Nacional de Botânica, 13° Encontro Estadual de Botânicos e 5° Encontro Estadual de Herbários, 2006, Gramado. Anais do 57° Congresso Nacional de Botânica, 13° Encontro Estadual de Botânicos e 5° Encontro Estadual de HerbáriosGramado, 2006.

  • ROGALSKI, Juliana Marcia ; DRECHSLER-SANTOS, Elisandro Ricardo ; LOCATELLI, Lucir ; DE MORAES, Liziane Kadine A. ; GROPOSO, Claudia ; VIEIRA DA SILVA, Camila ; MARTINS, Maritza ; GAIO, Maris de Fátima ; MANTOVANI, Adelar ; REIS, Maurício Sedrez . Estrutura demográfica de Mimosa catharinensis Burk (Leguminosae), uma espécie endêmica da Ilha de Santa Catarina. In: 56º Congresso Nacional de Botânica, 2005, Curitiba. Resumos do 56º Congresso Nacional de Botânica. Curitiba, 2005.

  • REIS, Ademir ; VIEIRA, Neide Koehntopp ; ROGALSKI, Juliana Marcia ; BERKENBROCK, Isabela Schmitt . Estrutura demográfica da reófita Dyckia distachya Hassler na Bacia do Rio Uruguai, Brasil. In: 56° Congresso Nacional de Botânica, 2005. Anais do 56° Congresso Nacional de Botânica. Curitiba.

  • ROGALSKI, Juliana Marcia ; REIS, Ademir ; REIS, Maurício Sedrez . Estrutura demográfica da reófita Dyckia brevifolia. In: VII Congresso de Ecologia do Brasil, 2005, Caxambu. Anais do VII Congresso de Ecologia do Brasil. Caxambu, 2005.

  • VIEIRA DA SILVA, Camila ; MARTINS, Maritza ; GAIO, Maris de Fátima ; DE MORAES, Liziane Kadine A. ; GROPOSO, Claudia ; ROGALSKI, Juliana Marcia ; DRECHSLER-SANTOS, Elisandro Ricardo ; LOCATELLI, Lucir ; MANTOVANI, Adelar ; REIS, Maurício Sedrez . Aspectos da Biologia reprodutiva de Mimosa catharinensis Burk. (Leguminosae) no Parque Florestal do Rio Vermelho, Florianópolis, SC. In: 56° Congresso Nacional de Botânica, 2005. Anais do 56° Congresso Nacional de Botânica. Curitiba.

  • ROGALSKI, Juliana Marcia ; WERNER, Daniela Ribeiro ; VIEIRA DA SILVA, Camila ; ORTH, Afonso Inácio ; REIS, Ademir . Caracterização do sistema reprodutivo de Mandevilla funiformis (Vell.) K. Schum. (Apocynaceae), Ilha de Santa Catarina. In: 55° Congresso Ncional de Botânica e 26° Encontro Regional de Botânicos de MG, BA e ES, 2004, Viçosa. Anais do 55° Congresso Ncional de Botânica e 26° Encontro Regional de Botânicos de MG, BA e ES. Viçosa: UFV, 2004.

  • ROGALSKI, Juliana Marcia ; WERNER, Daniela Ribeiro ; ORTH, Afonso Inácio ; REIS, Ademir . Polinização de Mandevilla funiformis (Vell.) K. Schum. (Apocynaceae) na Ilha de Santa Catarina, Florianópolis, SC. In: 55° Congresso Nacional de Botaânica e 26° Encontro Regional de botânicos de MG, BA e ES, 2004, Viçosa. Anais do 55° Congresso Nacional de Botaânica e 26° Encontro Regional de botânicos de MG, BA e ES. Viçosa: UFV, 2004.

  • REIS, Maurício Sedrez ; MANTOVANI, Adelar ; MANTOVANI, Marcelo ; SIMINSKI, Alexandre ; PUCHALSKI, Angelo ; CAFFER, Marcelo Menezes ; BERKENBROCK, Isabela Schmitt ; ROGALSKI, Juliana Marcia . Diversidade genética e conservação de Raulinoa echinata, uma espécie reófita e endêmica do Rio Itajaí-Açú. In: 50° Congresso Brasileiro de Genética, 2004, Florianópolis. Resumos do 50° Congresso Brasileiro de Genética. Florianópolis: UFSC, 2004. p. 1291-1291.

  • DE MORAES, Liziane Kadine A. ; GROPOSO, Claudia ; VIEIRA DA SILVA, Camila ; LOCATELLI, Lucir ; ROGALSKI, Juliana Marcia ; DRECHSLER-SANTOS, Elisandro Ricardo ; MARTINS, Maritza ; GAIO, Maris de Fátima ; MANTOVANI, Adelar ; REIS, Maurício Sedrez . Diversidade genética em mimosa ctharinensis, uma espécie endêmica do Parque Florestal do Rio Vermelho na Ilha de Santa Catarina. In: 50° Congresso Brasileiro de Genética, 2004, Florianópolis. Resumos do 50° Congresso Brasileiro de Genética. Florianópolis: UFSC, 2004. p. 1294-1294.

  • ROGALSKI, Juliana Marcia ; QUEIROZ, Maike Hering de . Bromélias epifíticas em diferentes situações topográficas em Floresta Ombrófila Densa. Ilha de Santa Catarina: resultados preliminares. In: V Congresso de Ecologia do Brasil. Ambiente xSociedade, 2001, Porto Alegre. Resumos do V Congresso de Ecologia do Brasil. AmbientexSociedade, 2001.

  • ZANIN, Elisabete Maria ; ROGALSKI, Juliana Marcia . Epífitas fanerogâmicas ornamentais do Estreito de Augusto César: diagnóstico de proposta. In: 10º Encontro Estadual de Botânicos, 2000, Ijuí. Livro de Resumos e Programação do 10º Encontro estadual de Botânicos, 2000.

  • ROGALSKI, Juliana Marcia ; ROGALSKI, Marcelo . Orchidaceae: Diversidade taxonômica e ecologia das espécies - Getúlio Vargas/RS. In: II Semana de Atualização em Estudos Científicos, 1999, Passo Fundo. Anais da II Semana de Atualização em Estudos Científicos, 1999.

  • ZANIN, Elisabete Maria ; ROGALSKI, Juliana Marcia ; SCARIOT, Catia Regina . Orchidaceae do Estreito de Augusto César e da Estação Ecológica Teixeira Soares. Marcelino Ramos - RS. In: II Semana de Atualização em Estudos Científicos, 1999, Passo fundo. Anais da II Semana de Atualização em Estudos Científicos, 1999.

  • ROGALSKI, Juliana Marcia ; ZANIN, Elisabete Maria . Epífitas vasculares do Estreito de Augusto César: diversidade taxonômica, Ecologia, manejo das espécies e banco de germoplasma. Marcelino Ramos, RS. In: 50° Congresso Nacional de Botânica, 1999, Blumenau. Anais do 50° Congresso Nacional de Botânica. Blumenau: FURB, 1999.

  • ROGALSKI, Juliana Marcia ; ROGALSKI, Marcelo . Orchidaceae e epífitas vasculares: diversidade taxonômica e ecologia das espécies. In: 50° Congresso Nacional de Botânica, 1999, Blumenau. Anais do 50° Congresso Nacional de Botânica. Blumenau, 1999.

  • ROGALSKI, Juliana Marcia ; ZANIN, Elisabete Maria . Epífitas fanerogâmicas ornamentais de área a ser impactada: diagnóstico e sugestão de proposta. In: V Seminário Institucional de Iniciação Científica, V Mostra de Iniciação Científica, III Seminário de Integração de Pesquisa e Pós-Graduação, 1999, Santo Ângelo. Anais de Santo Ângelo, 1999. p. 100-100.

  • ROGALSKI, Juliana Marcia . Epífitas fanerogâmicas ornamentais de área a ser impactada - diagnóstico e sugestão de proposta. In: IV Seminário de Iniciação Científica, IV Mostra de iniciação Científica e do II Seminário de integração de Pesquisa e pós-Graduação, 1998, Santiago. Anais IV Seminário de Iniciação Científica, IV Mostra de iniciação Científica e do II Seminário de integração de Pesquisa e pós-Graduação. Santiago: URI, 1998.

  • ROGALSKI, Juliana Marcia . Epífitas vasculares do Estreito deAugusto César - diversidade taxonômica, ecologia e manejo das espécies e banco de germoplasma - Marcelino Ramos/RS. In: IV Seminário de Iniciação Científica, IV Mostra de Iniciação Científica e do II Seminário de Integração de Pesquisa e Pós Graduação, 1998, Santiago. Anais do IV Seminário de Iniciação Científica, IV Mostra de Iniciação Científica e do II Seminário de Integração de Pesquisa e Pós Graduação. Santiago: URI, 1998.

  • ROGALSKI, JULIANA MARCIA . Práticas e Sustentabilidade no Ensino de Ciências Biológicas. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • ROGALSKI, Juliana Marcia ; RIBEIRO-DOS-SANTOS, C. D. ; SILVESTRI, A. . Oficinas para montagem de coleção botânica didática. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • ROGALSKI, Juliana Marcia . Nucleação como técnica de restauração de áreas degradadas. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • ROGALSKI, Juliana Marcia . Novos aspectos na restauração de áreas degradadas. 2006. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • ROGALSKI, Juliana Marcia . Conectividade em Ambientes Tropicais. 2004. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • ROGALSKI, Juliana Marcia . Conservação genética e corredores ecológicos. 2004. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • ROGALSKI, Juliana Marcia . Epífitas Vasculares. 2003. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

ROGALSKI, JULIANA MARCIA . Práticas e Sustentabilidade no Ensino de Ciências Biológicas. 2015. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

ROGALSKI, Juliana Marcia . Conectividade em Ambientes Tropicais. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

ROGALSKI, Juliana Marcia . Rstauração ambiental: imitando a natureza. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

ROGALSKI, Juliana Marcia . Novos aspectos na restauração de áreas degradadas. 2006. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

ROGALSKI, Juliana Marcia . Conservação Genética e corredores Ecológicos. 2004. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

ROGALSKI, Juliana Marcia . Conectividade em Ambientes Tropicais. 2004. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

ROGALSKI, Juliana Marcia . Epífitas vasculares. 2002. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

ROGALSKI, Juliana Marcia . Gestão empresarial em turismo rural. 1998. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

ROGALSKI, Juliana Marcia . Vivenciando o Mundo das Ciências. 1996. .

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2018 - 2019

    Biologia reprodutiva de Tropaeolum pentaphyllum Lam. (crem) na região do Alto Uruguai, Descrição: Tropaeolum pentaphyllum Lam. (crem) foi listado como uma das espécies potenciais para uso econômico pelo Ministério do Meio Ambiente, conhecido como Plantas do Futuro - Região Sul. Porém, faz parte da lista de Espécies Ameaçadas de Extinção do Rio Grande do Sul, na categoria vulnerável. As principais ameaças à espécie decorrem da perda de hábitat e do extrativismo dos tubérculos. Este estudo visa conhecer a biologia reprodutiva do crem. Para caracterizar seu sistema reprodutivo serão conduzidos cinco tratamentos: agamospermia, autopolinização manual, geitonogamia, polinização cruzada e controle. Para cada tratamento serão marcadas 30 flores em 10 indivíduos. A avaliação do sucesso reprodutivo será feita 15 dias após realização dos experimentos, sendo registrados o número de frutos formados e o número de mericarpos por fruto. As sementes dos testes de polinização serão colocadas para germinar, usando turfa como substrato. Serão consideradas germinadas as sementes com emissão de radícula. Após senescência da parte área das plantas provenientes de sementes será verificado se houve formação de tubérculos e serão feitas medições de tamanho (comprimento, largura e espessura). Também será estudada sua fenologia. Os visitantes florais serão coletados e/ou fotografados e posteriormente identificados. Também será registrado o comportamento dos visitantes e os recursos florais por eles coletados.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Juliana Marcia Rogalski - Coordenador.

  • 2018 - 2019

    Implantação de um banco de germoplasma para Tropaeolum pentaphyllum Lam., em Sertão, RS, Descrição: A espécie Tropaeolum pentaphyllum foi citada como uma das plantas com enorme potencial de uso pelo projeto Plantas para o Futuro - região Sul. Além disso, está listada como espécie com excelente potencial nas plantas alimentícias não convencionais. O objetivo desse trabalho é a criação de um banco de germoplasma visando conservar a diversidade genética da espécie Tropaeolum pentaphyllum Lam., conhecida popularmente como crem ou batata-crem. Para caracterizar o germoplasma do crem será realizada a caracterização morfológica da espécie, com utilização de 23 descritores morfológicos. Serão utilizados os descritores morfológicos adapatados da espécie Tropaeolum tuberosum R. & P., visto que não existem descritores para a espécie estudada. Inicialmente serão coletados tubérculos do crem em todas as regiões do Rio Grande do Sul. Os acessos serão coletados em feiras, mercados públicos, materiais doados por agricultores e coletados diretamente na Floresta Ombrófila Mista (extração in situ). Será feita a caracterização comparativa dos acessos que forem incluídos na coleção. A analise estatística dos dados será feita por agrupamentos (Cluster Analysis).. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Juliana Marcia Rogalski - Coordenador / Rodrigo Lamb - Integrante / Vinícius Ferrari - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Bolsa / Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Auxílio financeiro.

  • 2018 - 2019

    Florística e distribuição espacial de epífitos vasculares no Parque Natural Municipal de Sertão, RS, Descrição: Os epífitos constituem cerca de 10% de todas as espécies vasculares, distribuídos em poucas famílias, como Orchidaceae, Bromeliaceae, Araceae, Piperaceae e Polypodiaceae. Este projeto objetiva realizar levantamento florístico de epífitos vasculares e conhecer sua distribuição espacial no Parque Natural Municipal de Sertão, o qual apresenta cerca de 500 hectares de Floresta Ombrófila Mista, em diferentes estádios sucessionais, devido à extração de madeireira. O levantamento florístico dos epífitos vasculares será efetuado quinzenalmente, visando à coleta de espécimes em floração ou frutificação, ou com esporos, no caso de Pteridófitas. Para a avaliação da distribuição espacial, o método empregado para escolha dos forófitos será o de ponto quadrantes, onde serão amostrados 60 forófitos, com diâmetro à altura do peito mínimo de 10 cm. Para o estudo da distribuição vertical, os forófitos serão divididos em intervalos de dois metros. As espécies epifíticas serão observadas empregando-se binóculo (7x35), sendo um espécime coletado para posterior identificação e deposição em herbário. Além disso, será feito o acompanhamento fenológico das espécies onde será registrada floração e frutificação para as Angiospermas e formação de esporos para as Pteridófitas.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Juliana Marcia Rogalski - Coordenador.

  • 2018 - 2019

    Propagação de Rubus erythrocladus (Rosaceae): germinação de sementes e enraizamento de estacas caulinares e radiculares, Descrição: A espécie Rubus erythrocladus Mart. ex Hook.f. (amora-verde) é endêmica do Brasil, com ocorrência nos Biomas Mata Atlântica (Floresta Ombrófila Mista e Campos) e Cerrado, ocorrendo nas regiões Sul e Sudeste. Apresenta flavonoides (kaempferol e quercetina) o que aumenta seu interesse. Seus frutos com coloração verde e sabor agradável chamaram atenção da população regional, e revelaram seu potencial de comercialização junto às demais pequenas frutas. Porém, até então essa frutífera ainda não foi domesticada. Assim sendo, este estudo objetiva desenvolver técnicas de propagação para a espécie (estaquia e germinação). Dois experimentos serão conduzidos no Instituto Federal do Rio Grande do Sul - Campus Sertão. No primeiro serão coletadas estacas de caules e raízes de R. erythrocladus, as quais serão tratadas com diferentes concentrações de AIB (1000, 2000, 3000, 4000 mg L-1) por 10 segundos, assim como o controle sem AIB. O delineamento experimental será inteiramente casualizado com fatorial 2x5. Neste experimento as estacas serão mantidas em bandejas plásticas contendo vermiculita como substrato, em casa de vegetação com temperatura controlada e irrigação diária. No segundo experimento com germinação de sementes as sementes serão submetidas à escarificação (com ácido sulfúrico), à estratificação (com areia) ou ambos os tratamentos, os quais serão comparados com o controle. Neste experimento serão feitos quatro tratamentos com quatro repetições e 100 sementes cada. As sementes serão mantidas em DBO, com condições controladas.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Juliana Marcia Rogalski - Coordenador / Rodrigo Lamb - Integrante / Vinícius Ferrari - Integrante / JÉSSICA PARIZOTTO - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Auxílio financeiro / Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Bolsa.

  • 2018 - Atual

    Estudo nutricional, fitotécnico e resgate de manejo e utilização de plantas alimentícias não-convencionais (PANC) da Serra Gaúcha: valorização de uma alternativa para a alimentação saudável, Descrição: Estima-se que há no Brasil em torno de 10.000 espécies nativas com potencial uso alimentício. Por ser um país de dimensões continentais, o Brasil possui uma imensa biodiversidade a ser pesquisada. Este projeto irá trabalhar com duas espécies tradicionalmente utilizadas pelos imigrantes italianos e seus descendentes na Serra Gaúcha, para consumo próprio: Crem (T. pentaphyllum) e Dente de Leão (Taraxacum offinale), consideradas Plantas Alimentícias Não Convencionais (PANCs). O projeto contempla os seguintes estudos: levantamento dos métodos tradicionais utilizados para propagação, cultivo e consumo dessas espécies; implantação de experimentos de campo para otimizar a propagação e o cultivo; estudos visando a elaboração de farinhas a partir destas plantas para uso em panifícios. Os resultados alcançados nestas pesquisas serão discutidos e apresentados aos agricultores locais, com o apoio do Centro Ecológico e da Emater/RS - Ascar, através de Capacitações, visitas técnicas e cursos, além de serem difundidos através das Hortas Escolares para estudantes da região.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Juliana Marcia Rogalski - Integrante / Luis Carlos Diel Rupp - Coordenador.

  • 2017 - 2018

    Biologia reprodutiva de Tropaeolum pentaphyllum Lam. (crem) na região do Alto Uruguai, Descrição: Tropaeolum pentaphyllum Lam. (crem) foi listado como uma das espécies potenciais para uso econômico pelo projeto do Ministério do Meio Ambiente, conhecido como Plantas do Futuro - Região Sul. Porém, faz parte da lista de Espécies Ameaçadas de Extinção do Rio Grande do Sul, na categoria vulnerável. As principais ameaças à espécie decorrem da perda de hábitat e do extrativismo dos tubérculos. Este estudo visa conhecer a biologia reprodutiva do crem. Para caracterizar seu sistema reprodutivo serão conduzidos cinco tratamentos: agamospermia, autopolinização manual, geitonogamia, polinização cruzada e controle. Para cada tratamento serão marcadas 30 flores em 10 indivíduos. A avaliação do sucesso reprodutivo será feita 15 dias após realização dos experimentos, sendo registrados o número de frutos formados e o número de mericarpos por fruto. As sementes dos testes de polinização serão colocadas para germinar, usando turfa como substrato. Serão consideradas germinadas as sementes com emissão de radícula. Após senescência da parte área das plantas provenientes de sementes será verificado se houve formação de tubérculos e serão feitas medições de tamanho (comprimento, largura e espessura). Também será estudada sua fenologia. Os visitantes florais serão coletados e/ou fotografados e posteriormente identificados. Também será registrado o comportamento dos visitantes e os recursos florais por eles coletados.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Juliana Marcia Rogalski - Coordenador / Gabriel Santin - Integrante / Veronica Julia Munaretto - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Bolsa / Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Auxílio financeiro.

  • 2017 - 2018

    Biologia reprodutiva de Tropaeolum pentaphyllum Lam. (crem) na Região do Alto Uruguai, Descrição: Tropaeolum pentaphyllum Lam. (crem) foi listado como uma das espécies potenciais para uso econômico pelo projeto do Ministério do Meio Ambiente, conhecido como Plantas do Futuro - Região Sul. Porém, faz parte da lista de Espécies Ameaçadas de Extinção do Rio Grande do Sul, na categoria vulnerável. As principais ameaças à espécie decorrem da perda de hábitat e do extrativismo dos tubérculos. Este estudo visa conhecer a biologia reprodutiva do crem. Para caracterizar seu sistema reprodutivo serão conduzidos cinco tratamentos: agamospermia, autopolinização manual, geitonogamia, polinização cruzada e controle. Para cada tratamento serão marcadas 30 flores em 10 indivíduos. A avaliação do sucesso reprodutivo será feita 15 dias após realização dos experimentos, sendo registrados o número de frutos formados e o número de mericarpos por fruto. As sementes dos testes de polinização serão colocadas para germinar, usando turfa como substrato. Serão consideradas germinadas as sementes com emissão de radícula. Após senescência da parte área das plantas provenientes de sementes será verificado se houve formação de tubérculos e serão feitas medições de tamanho (comprimento, largura e espessura). Também será estudada sua fenologia. Os visitantes florais serão coletados e/ou fotografados e posteriormente identificados. Também será registrado o comportamento dos visitantes e os recursos florais por eles coletados.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Juliana Marcia Rogalski - Coordenador / Daniela da Silva - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2017 - 2018

    Florística e distribuição espacial de epífitos vasculares no Parque Natural Municipal de Sertão, RS, Descrição: O Parque Natural Municipal de Sertão com cerca de 500 hectares é um dos maiores fragmentos de Floresta Ombrófila Mista do Rio Grande do Sul, sendo o seu levantamento de extrema importância para caracterizar os epífitos vasculares na região norte do Estado. Além disso, é papel do IFRS por localiza-se neste município contribuir com estudos no Parque. Solicita-se uma bolsa BICTES e AIPCT. Os resultados gerados são muito interessantes, sendo que a área apresenta alta diversidade de espécies. A renovação da bolsa é imprescindível para a identificação de algumas espécies do levantamento assim como para a finalização da distribuição espacial das espécies.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Juliana Marcia Rogalski - Coordenador / Letícia Mesacasa - Integrante / Roberta Saldanha Gradin - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Bolsa / Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Auxílio financeiro.

  • 2016 - 2017

    Implantação de um banco de germoplasma para Tropaeolum pentaphyllum Lam., em Sertão, RS, Descrição: A espécie Tropaeolum pentaphyllum foi citada como uma das plantas com enorme potencial de uso pelo projeto Plantas para o Futuro - região Sul. Além disso, está listada como espécie com excelente potencial nas plantas alimentícias não convencionais. O objetivo desse trabalho é a criação de um banco de germoplasma visando conservar a diversidade genética da espécie Tropaeolum pentaphyllum Lam., conhecida popularmente como crem ou batata-crem. Para caracterizar o germoplasma do crem será realizada a caracterização morfológica da espécie, com utilização de 23 descritores morfológicos. Serão utilizados os descritores morfológicos adapatados da espécie Tropaeolum tuberosum R. & P., visto que não existem descritores para a espécie estudada. Inicialmente serão coletados tubérculos do crem em todas as regiões do Rio Grande do Sul. Posteriormente serão coletados tubérculos nos outros dois Estados da região Sul. Os acessos serão coletados em feiras, mercados públicos, materiais doados por agricultores e coletados diretamente na Floresta Ombrófila Mista (extração in situ). Será feita a caracterização comparativa dos acessos que forem incluídos na coleção. A analise estatística dos dados será feita por agrupamentos (Cluster Analysis).. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Juliana Marcia Rogalski - Coordenador / Letícia Mesacasa - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Bolsa.

  • 2016 - 2017

    Florística e distribuição espacial de epífitos vasculares no Parque Natural Municipal de Sertão, RS, Descrição: Os epífitos constituem cerca de 10% de todas as espécies vasculares, distribuídos em poucas famílias, como Orchidaceae, Bromeliaceae, Araceae, Piperaceae e Polypodiaceae. Este projeto objetiva realizar levantamento florístico de epífitos vasculares e conhecer sua distribuição espacial no Parque Natural Municipal de Sertão, o qual apresenta cerca de 500 hectares de Floresta Ombrófila Mista, em diferentes estádios sucessionais, devido à extração de madeireira. O levantamento florístico dos epífitos vasculares será efetuado quinzenalmente, visando à coleta de espécimes em floração ou frutificação, ou com esporos, no caso de Pteridófitas. Para a avaliação da distribuição espacial, o método empregado para escolha dos forófitos será o de ponto quadrantes, onde serão amostrados 60 forófitos, com diâmetro à altura do peito mínimo de 10 cm. Para o estudo da distribuição vertical, os forófitos serão divididos em intervalos de dois metros. As espécies epifíticas serão observadas empregando-se binóculo (7x35), sendo um espécime coletado para posterior identificação e deposição em herbário. Além disso, será feito o acompanhamento fenológico das espécies onde será registrada floração e frutificação para as Angiospermas e formação de esporos para as Pteridófitas.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Juliana Marcia Rogalski - Coordenador / Letícia Mesacasa - Integrante / Roberta Saldanha Gradin - Integrante., Número de produções C, T & A: 1

  • 2016 - 2017

    Levantamento fitossociológico do componente arbóreo em um remanescente florestal em Sertão-RS, Descrição: O Brasil é um dos países com maior biodiversidade do planeta, relacionada aos mais variados ecossistemas existentes dentro de seu território. O conhecimento sobre a composição dessa diversidade e a compreensão do seu funcionamento é de fundamental importância para a sua conservação e dentro deste contexto, as formações florestais ganham destaque, pois apresentam comunidades diversificadas e com interdependência de seus constituintes. O presente trabalho tem por objetivo realizar levantamento fitossociológico do componente arbóreo em um remanescente florestal localizado no município de Sertão-RS, determinando os principais indicadores fitossociológicos, as guildas de dispersão e de regeneração, além da elaboração de mapa georreferenciado do local das coletas.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Juliana Marcia Rogalski - Integrante / Roberto Valmorbida de Aguiar - Coordenador.

  • 2015 - 2016

    Potencial de duas espécies de ipês na fitorremediação de solo poluído com zinco, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Juliana Marcia Rogalski - Integrante / Jeonice Werle Techio - Coordenador.

  • 2015 - 2016

    Florística e distribuição espacial de epífitos vasculares no Parque Natural Municipal de Sertão, RS, Descrição: Os epífitos constituem cerca de 10% de todas as espécies vasculares, distribuídos em poucas famílias, como Orchidaceae, Bromeliaceae, Araceae, Piperaceae e Polypodiaceae. Este projeto objetiva realizar levantamento florístico de epífitos vasculares e conhecer sua distribuição espacial no Parque Natural Municipal de Sertão, o qual apresenta cerca de 500 hectares de Floresta Ombrófila Mista, em diferentes estádios sucessionais, devido à extração de madeireira. O levantamento florístico dos epífitos vasculares será efetuado quinzenalmente, visando à coleta de espécimes em floração ou frutificação, ou com esporos, no caso de Pteridófitas. Para a avaliação da distribuição espacial, o método empregado para escolha dos forófitos será o de ponto quadrantes, onde serão amostrados 60 forófitos, com diâmetro à altura do peito mínimo de 10 cm. Para o estudo da distribuição vertical, os forófitos serão divididos em intervalos de dois metros. As espécies epifíticas serão observadas empregando-se binóculo (7x35), sendo um espécime coletado para posterior identificação e deposição em herbário. Além disso, será feito o acompanhamento fenológico das espécies onde será registrada floração e frutificação para as Angiospermas e formação de esporos para as Pteridófitas.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Juliana Marcia Rogalski - Coordenador / Anderson Luís Rech - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Bolsa., Número de produções C, T & A: 1

  • 2014 - 2015

    Biologia reprodutiva de Tropaeolum pentaphyllum Lam. (crem) na região do Alto Uruguai, Descrição: Tropaeolum pentaphyllum Lam. (crem) foi listada como uma das espécies potenciais para uso econômico pelo projeto do Ministério do Meio Ambiente (MMA/PROBIO) conhecido como Plantas para o Futuro - Região Sul. Porém, faz parte da lista de Espécies Ameaçadas de Extinção do Rio Grande do Sul, na categoria vulnerável. As principais ameaças à espécie decorrem da perda de hábitat e do extrativismo dos tubérculos. Este estudo visa conhecer a biologia reprodutiva do crem. Para caracterização do seu sistema reprodutivo serão conduzidos cinco tratamentos: agamospermia, autopolinização manual, geitonogamia, polinização cruzada e controle. Para cada tratamento serão marcadas 30 flores em cinco indivíduos. A avaliação do sucesso reprodutivo será feita 15 dias após realização dos experimentos, sendo registrados o número de frutos formados e o número de mericarpos por fruto (um, dois ou três). As sementes provindas dos testes de polinização serão colocadas para germinar, usando turfa como substrato. Serão consideradas como germinadas as sementes com emissão de radícula. Após a senescência da parte aérea das plantas provenientes de sementes será verificado se houve formação de tubérculos e serão feitas medições de tamanho (comprimento, largura e espessura). Também será estudada sua fenologia (brotação, floração, frutificação e senescência). Os visitantes florais serão coletados e/ou fotografados e posteriormente identificados. Além disso, será registrado o comportamento e os recursos florais coletados (pólen e/ou néctar). O conhecimento da biologia reprodutiva de T. pentaphyllum é de extrema importância para que possam ser definidas estratégias que contribuam para sua conservação.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Juliana Marcia Rogalski - Coordenador / Jéssica Argenta - Integrante / Ariel Rizzardo - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Bolsa.

  • 2014 - 2015

    Florística e distribuição espacial de epífitos vasculares no Parque Natural Municipal de Sertão, RS, Descrição: Os epífitos constituem cerca de 10% de todas as espécies vasculares, distribuídos em poucas famílias, como Orchidaceae, Bromeliaceae, Araceae, Piperaceae e Polypodiaceae. Este projeto objetiva realizar levantamento florístico de epífitos vasculares e conhecer sua distribuição espacial no Parque Natural Municipal de Sertão, o qual apresenta cerca de 500 hectares de Floresta Ombrófila Mista, em diferentes estádios sucessionais, devido à extração de madeireira. O levantamento florístico dos epífitos vasculares será efetuado quinzenalmente, visando à coleta de espécimes em floração ou frutificação, ou com esporos, no caso de Pteridófitas. Para a avaliação da distribuição espacial, o método empregado para escolha dos forófitos será o de ponto quadrantes, onde serão amostrados 60 forófitos, com diâmetro à altura do peito mínimo de 10 cm. Para o estudo da distribuição vertical, os forófitos serão divididos em intervalos de dois metros. As espécies epifíticas serão observadas empregando-se binóculo (7x35), sendo um espécime coletado para posterior identificação e deposição em herbário.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Juliana Marcia Rogalski - Coordenador / Letícia Mesacasa - Integrante / Anderson Luís Rech - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Bolsa / Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Auxílio financeiro.

  • 2013 - Atual

    Biologia reprodutiva de Tropaeolum pentaphyllum Lam. (crem) na região do Alto Uruguai, RS, Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Juliana Marcia Rogalski - Coordenador / Jéssica Argenta - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Bolsa.

  • 2013 - Atual

    Potencial de duas especies de ipês na fitorremediação de solos poluídos com zinco., Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Juliana Marcia Rogalski - Coordenador / Jeonice Werle Techio - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Bolsa.

  • 2012 - Atual

    Propagação de Tropaeolum pentaphylum Lam. (crem) por estaquia e semente, Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Juliana Marcia Rogalski - Coordenador / Alan Serafini Betto - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2011 - 2012

    Propagação vegetativa por tubérculos e estaquia em Tropaeolum pentaphyllum Lam. (crem) na região do Alto Uruguai, RS, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Juliana Marcia Rogalski - Coordenador / Tiago Lodi de Souza - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Bolsa.

  • 2010 - 2011

    Sistema reprodutivo sexuado e produção de mudas por sementes em Tropaeolum pentaphyllum Lam. (crem), Descrição: O crem é utilizado regionalmente (Sul do Brasil) como produto alimentício, sendo comercializado em alguns estabelecimentos regionais. O consumo ocorre na forma de conservas, ou seja, tubérculos ralados e curtidos em vinagre de vinho tinto colonial. Atualmente a espécie faz parte da lista de espécies ameaçadas de extinção no Rio Grande do Sul. Devido à extração de tubérculos em ambientes florestais a espécie está cada vez mais difícil de ser encontrada naturalmente. Desta forma, o projeto visa à produção de mudas via sementes, objetivando minimizar os impactos causados pela extração de seus tubérculos, assim como o conhecimento do seu sitema rprodutivo sexuado.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Juliana Marcia Rogalski - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul - Bolsa.

  • 2003 - 2007

    Biologia da Conservação da reófita Dyckia brevifolia, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Doutorado: (1) . , Integrantes: Juliana Marcia Rogalski - Coordenador.

  • 2003 - 2003

    Caracterização da Diversidade Genética em. Populações Naturais de Raulinoa Echinata Cowan, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Juliana Marcia Rogalski - Integrante / Maurício Sedrez dos Reis - Coordenador / Adelar Mantovani - Integrante / Isabela Schmitt Berckenbrock - Integrante / Marcelo Mantovani - Integrante / Alexandre Siminski - Integrante / Angelo Puchalski - Integrante.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de desenvolvimento

  • 2017 - Atual

    Biologia reprodutiva de Tropaeolum pentaphyllum Lam. (crem) na região do Alto Uruguai, Descrição: Tropaeolum pentaphyllum Lam. (crem) foi listado como uma das espécies potenciais para uso econômico pelo projeto do Ministério do Meio Ambiente, conhecido como Plantas do Futuro - Região Sul. Porém, faz parte das Listas Vermelha da Flora Brasileira e das Espécies da Flora Ameaçadas do Rio Grande do Sul, sendo inserida em ambas na categoria menos preocupante (LC). As principais ameaças à espécie decorrem da perda de hábitat e do extrativismo dos tubérculos. Este estudo visa conhecer a biologia reprodutiva do crem. Para caracterizar seu sistema reprodutivo serão conduzidos seis tratamentos: agamospermia, autopolinização manual, autopolinização espontânea, geitonogamia, polinização cruzada e controle. Para cada tratamento serão marcadas 30 flores, utilizando 30 indivíduos na população. A avaliação do sucesso reprodutivo será a partir de 15 dias após realização dos experimentos, sendo registrados o número de frutos formados e o número de mericarpos por fruto. As sementes dos testes de polinização serão colocadas para germinar, utilizando turfa como substrato. Serão consideradas germinadas as sementes com emissão de radícula. Após senescência da parte área das plantas provenientes de sementes será verificado se houve formação de tubérculos e serão feitas medições de tamanho (comprimento, largura e espessura). Também será estudada sua fenologia. Os visitantes florais serão coletados e/ou fotografados e posteriormente identificados. Também será registrado o comportamento e os recursos florais coletados.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Juliana Marcia Rogalski - Coordenador / Carla Alves - Integrante.

  • 2017 - Atual

    Biologia reprodutiva de Tropaeolum pentaphyllum Lam. (crem) na região do Alto Uruguai, Descrição: Tropaeolum pentaphyllum Lam. (crem) foi listado como uma das espécies potenciais para uso econômico pelo projeto do Ministério do Meio Ambiente, conhecido como Plantas do Futuro - Região Sul. Porém, faz parte das Listas Vermelha da Flora Brasileira e das Espécies da Flora Ameaçadas do Rio Grande do Sul, sendo inserida em ambas na categoria menos preocupante (LC). As principais ameaças à espécie decorrem da perda de hábitat e do extrativismo dos tubérculos. Este estudo visa conhecer a biologia reprodutiva do crem. Para caracterizar seu sistema reprodutivo serão conduzidos seis tratamentos: agamospermia, autopolinização manual, autopolinização espontânea, geitonogamia, polinização cruzada e controle. Para cada tratamento serão marcadas 30 flores, utilizando 30 indivíduos na população. A avaliação do sucesso reprodutivo será a partir de 15 dias após realização dos experimentos, sendo registrados o número de frutos formados e o número de mericarpos por fruto. As sementes dos testes de polinização serão colocadas para germinar, utilizando turfa como substrato. Serão consideradas germinadas as sementes com emissão de radícula. Após senescência da parte área das plantas provenientes de sementes será verificado se houve formação de tubérculos e serão feitas medições de tamanho (comprimento, largura e espessura). Também será estudada sua fenologia. Os visitantes florais serão coletados e/ou fotografados e posteriormente identificados. Também será registrado o comportamento e os recursos florais coletados.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Juliana Marcia Rogalski - Coordenador / Carla Alves - Integrante.

  • 2017 - Atual

    Biologia reprodutiva de Tropaeolum pentaphyllum Lam. (crem) na região do Alto Uruguai, Descrição: Tropaeolum pentaphyllum Lam. (crem) foi listado como uma das espécies potenciais para uso econômico pelo projeto do Ministério do Meio Ambiente, conhecido como Plantas do Futuro - Região Sul. Porém, faz parte das Listas Vermelha da Flora Brasileira e das Espécies da Flora Ameaçadas do Rio Grande do Sul, sendo inserida em ambas na categoria menos preocupante (LC). As principais ameaças à espécie decorrem da perda de hábitat e do extrativismo dos tubérculos. Este estudo visa conhecer a biologia reprodutiva do crem. Para caracterizar seu sistema reprodutivo serão conduzidos seis tratamentos: agamospermia, autopolinização manual, autopolinização espontânea, geitonogamia, polinização cruzada e controle. Para cada tratamento serão marcadas 30 flores, utilizando 30 indivíduos na população. A avaliação do sucesso reprodutivo será a partir de 15 dias após realização dos experimentos, sendo registrados o número de frutos formados e o número de mericarpos por fruto. As sementes dos testes de polinização serão colocadas para germinar, utilizando turfa como substrato. Serão consideradas germinadas as sementes com emissão de radícula. Após senescência da parte área das plantas provenientes de sementes será verificado se houve formação de tubérculos e serão feitas medições de tamanho (comprimento, largura e espessura). Também será estudada sua fenologia. Os visitantes florais serão coletados e/ou fotografados e posteriormente identificados. Também será registrado o comportamento e os recursos florais coletados.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Juliana Marcia Rogalski - Coordenador / Carla Alves - Integrante.

  • 2017 - Atual

    Biologia reprodutiva de Tropaeolum pentaphyllum Lam. (crem) na região do Alto Uruguai, Descrição: Tropaeolum pentaphyllum Lam. (crem) foi listado como uma das espécies potenciais para uso econômico pelo projeto do Ministério do Meio Ambiente, conhecido como Plantas do Futuro - Região Sul. Porém, faz parte das Listas Vermelha da Flora Brasileira e das Espécies da Flora Ameaçadas do Rio Grande do Sul, sendo inserida em ambas na categoria menos preocupante (LC). As principais ameaças à espécie decorrem da perda de hábitat e do extrativismo dos tubérculos. Este estudo visa conhecer a biologia reprodutiva do crem. Para caracterizar seu sistema reprodutivo serão conduzidos seis tratamentos: agamospermia, autopolinização manual, autopolinização espontânea, geitonogamia, polinização cruzada e controle. Para cada tratamento serão marcadas 30 flores, utilizando 30 indivíduos na população. A avaliação do sucesso reprodutivo será a partir de 15 dias após realização dos experimentos, sendo registrados o número de frutos formados e o número de mericarpos por fruto. As sementes dos testes de polinização serão colocadas para germinar, utilizando turfa como substrato. Serão consideradas germinadas as sementes com emissão de radícula. Após senescência da parte área das plantas provenientes de sementes será verificado se houve formação de tubérculos e serão feitas medições de tamanho (comprimento, largura e espessura). Também será estudada sua fenologia. Os visitantes florais serão coletados e/ou fotografados e posteriormente identificados. Também será registrado o comportamento e os recursos florais coletados.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Juliana Marcia Rogalski - Coordenador / Carla Alves - Integrante.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, Campus Sertão. , Rodovia RS 135, km25, Distrito Engenheiro Englert, 99170-000 - Sertao, RS - Brasil - Caixa-postal: 21, Telefone: (54) 33458000, Ramal: 8028, Fax: (54) 33458004, URL da Homepage:

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional