Josimeire Aparecida Leandrini

Atualmente é adjunto da Universidade Federal da Fronteira Sul. Professora do Programa de Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural Sustentável da UFFS. Possui graduação em Ciências Biológicas pela Universidade Estadual de Maringá (1993), mestrado em Botânica pela Universidade Federal do Paraná (1999) e doutorado em Ecologia de Ambientes Aquáticos Continentais pela Universidade Estadual de Maringá (2006). Tem experiência na área de Ecologia de Comunidades, atuando nos seguintes temas: perifíton, taxonomia e ecologia de algas perifíticas. Como professor, tem atuando principalmente na disciplina de Organografia e sistemática vegetal e biologia dos vegetais aquáticos. Atualmente é tutora do Grupo PET/Políticas Publicas e Agroecologia.

Informações coletadas do Lattes em 24/06/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em Ecologia de Ambientes Aquáticos Continentais

2001 - 2006

Universidade Estadual de Maringá
Título: Caracterização de Ambientes da Planície de Inundação do Alto Rio Paraná: Utilizando Diatomáceas Perifíticas.
Liliana Rodrigues. Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil. Palavras-chave: Perifíton; Bacillariophyceae Diatomáceas; bioindicadores; Índices bióticos.Grande área: Ciências BiológicasGrande Área: Ciências Biológicas / Área: Botânica / Subárea: Taxonomia Vegetal / Especialidade: Taxonomia de Criptógamos.

Mestrado em Botânica

1997 - 1999

Universidade Federal do Paraná
Título: Diatomáceas Perifíticas da Região de Captação de água da Sanepar, Maringá - Pr (Córrego Sarandi e Rio Pirapó),Ano de Obtenção: 1999
Hermes Moreira Filho.Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Palavras-chave: taxonomia; Bacillariophyceae; ambiente lótico; periphyton.Grande área: Ciências BiológicasGrande Área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Ecologia de Ecossistemas.

Especialização em Ciências Área de Concentração Morfofisiologia

1996 - 1997

Universidade Estadual de Maringá
Título: Obesidade considerações sobre suas possíveis causas e consequências (Uma Revisão de Literatura)
Orientador: Diógines Sanches

Graduação em Ciências Biológicas

1996 - 1996

Universidade Estadual de Maringá
Título: Estudo Taxonômico de Navicula Bory da Região de Captação de Água da SANEPAR , rio Pirapó, Maringá, Paraná.
Orientador: Liliana Rodrigues

Graduação em Ciências Biológicas

1987 - 1993

Universidade Estadual de Maringá

Ensino Médio (2º grau)

1984 - 1986

Colégio Estadual Dr. Gastão Vidigal

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2020 - 2020

PROTOCOLOS DE MANEJO CLÍNICO DO CORONAVÍRUS (COVID-19). (Carga horária: 10h). , Ministério da Saúde, MS, Brasil.

2012 - 2012

Diatomeas (Chromalveolata, Heterokontophyta). (Carga horária: 60h). , Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.

2011 - 2011

Curso Internacional de Agroecologia. (Carga horária: 16h). , Universidad Autónoma Chapingo, UAC, México.

2006 - 2006

Trabalhador na Administração rural. (Carga horária: 16h). , Serviço Nacional de Aprendizagem Rural - AR/PR, SENAR-PR, Brasil.

2004 - 2004

Critérios de Avaliação Institucional (Mecanismo de. (Carga horária: 4h). , Faculdade Integrado de Campo Mourão, CEI, Brasil.

2003 - 2003

Extensão universitária em Diatomaceas como indicadores de Qualidade da Água. (Carga horária: 16h). , Universidade de Santa Cruz do Sul, UNISC, Brasil.

1999 - 1999

Extensão universitária em Delineamento Amostral em Estudos Multidiciplinares. (Carga horária: 16h). , Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.

1999 - 1999

Extensão universitária em XIV Ciclo de Debates de Água Doce. (Carga horária: 40h). , Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.

1998 - 1998

Algas Tóxicas de Água Doce. (Carga horária: 8h). , Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.

1998 - 1998

Monitoria - Botânica Estrutural. (Carga horária: 218h). , Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.

1997 - 1997

Extensão universitária em Orgãos do sentidos. (Carga horária: 24h). , Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.

1997 - 1997

Semiologia Gráfica. (Carga horária: 25h). , Universidade Federal do Paraná, UFPR, Brasil.

1996 - 1996

Curso Especial "Noções Básica de Parasitologia Hum. , Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.

1996 - 1996

Anatomia do coração e tecnica de injeção de vasos. (Carga horária: 8h). , Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.

1995 - 1995

Atualização para Professores do Ensino de 1º e 2ºG. (Carga horária: 56h). , Secretaria de Estado da Educação do Paraná - Núcleo R. de Educação Maringá, SEED, Brasil.

1994 - 1994

Extensão universitária em Introdução à pesquisa em biologia Pesqueira. (Carga horária: 40h). , Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.

1994 - 1994

Estudo de Comunidades Planctonicas e Bentonicas de. (Carga horária: 10h). , Universidade do Vale do Rio dos Sinos, UNISINOS, Brasil.

1994 - 1994

Atualização para Professores do Ensino de 1º e 2ºG. (Carga horária: 40h). , Secretaria de Estado da Educação do Paraná - Núcleo R. de Educação Maringá, SEED, Brasil.

1993 - 1993

Preparação de EIA-RIMA. (Carga horária: 16h). , Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.

1993 - 1993

Noções de ecologia Numérica. (Carga horária: 10h). , Universidade Federal do Rio Grande, FURG, Brasil.

1991 - 1993

Estágio - Laboratório de Ficologia. (Carga horária: 2400h). , Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.

1991 - 1991

Monitoria - Sistemárica Vegetal. (Carga horária: 110h). , Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.

1989 - 1990

Estágio - Nupélia. (Carga horária: 321h). , Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.

1988 - 1989

Estágio - Área de Sistemática Vegetal. (Carga horária: 624h). , Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Espanhol

Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Bem.

Francês

Compreende Pouco, Lê Pouco.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Botânica.

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Ecologia de Ecossistemas.

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Agroecologia.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

PARE, J. A. ; NUNES, M. A. ; MENEGASSI, A. L. B. ; VAZ, J. M. ; ROSA, T. J. ; LEANDRINI, J. A. ; CHAGAS, A. S. ; OLIVEIRA, R. J. . Seminário Interno dos Grupos PET ? SINPET. 2019. (Outro).

VANKRUNKELSVEM, L. ; LEANDRINI, J. A. . O avanço dos agrocombustíveis e as mudanças climáticas. 2011. (Outro).

Christoffoli, P. I. ; LEANDRINI, J. A. ; ZIEGLER, S. . Seminário de Agregação de Valor à Produção Leiteira. 2010. (Outro).

Christoffoli, P. I. ; LEANDRINI, J. A. . Agricultura Familiar, Agroecologia e Desenvolvimento Rural e Energias Renováveis, Meio Ambiente e Sustentabilidade. 2010. (Outro).

LEANDRINI, J. A. . V semana Pedagógica da Faculdade Integrado de Campo Mourão. 2006. (Outro).

LEANDRINI, J. A. . VII Semana de Estudos de Biologia. 1993. (Outro).

LEANDRINI, J. A. . VI Semana de Estudos de Biologia. 1991. (Outro).

Hayashi, C. ; JATI, S. ; LEANDRINI, J. A. . V Semana de Estudos de Biologia. 1990. (Outro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

III Congresso Paranaense de Agroecologia. O Programa de Educação Tutorial Políticas Públicas e Agroecologia e a Divulgação e Prática da Agroecologia. 2018. (Congresso).

II CONGRESSO PARANAENSE DE AGROECOLOGIA e Congresso e Seminário Brasil-França de Agroecologia. Construíndo Saberes: a experiência de jovens camponeses com metodologia participativa no Território Cantuquiriguaçú. 2016. (Congresso).

III Congresso Latinoamericano de Agroecologia. 2011. (Congresso).

Semana Pedgógica.A Universidade que queremos construir e o papel docentte em sala de aula. 2011. (Outra).

XIII Congresso Brasileiro de Limnologia. Ecologia de algas epifiticas em Veredas Urbanas de Goiás.. 2011. (Congresso).

I Conferência de Ensino, Pesquisa e Extensão - COEPE. 2010. (Outra).

IX Congresso Brasileiro de Ecologia do BraSIL e III Congresso Latino Americano de Ecologia. Levantamento preliminar de diatomáceas bentônicas do ribeirão Esperança e do do córrego Poço Frio da cidade de Londrina, PR, Brasil.. 2009. (Congresso).

II Semana do Meio Ambiente.Experiências de pesquisa Cientifica no Ensino Superio. 2007. (Outra).

57 Congresso Nacional de Botânica, 13 Encontro Estadual de Botânicos e 5 Encontro Estadual de Herbários. Ocorrencia de algumas familias de briófitas na cidade de Campo Mourão- Pr.. 2006. (Congresso).

V Semana Pedagógica da Faculdade Integrado de Campo Mourão. 2006. (Outra).

XI Congresso Brasileiro de Ficologia & Simpósio Latino-Americado sobre Algas Nocivas. Variações da comunidade Perifitica no reservatório de Santa Clara (Pr), no período de enchimento.. 2006. (Congresso).

VI Encontro Maringaense de Biologia, XIX Semana da Bilogia.Composição Taxonômica de alagas perifíticas em três ambientes da Planície de Inundação do Alto Rio Paraná. 2004. (Encontro).

IXCongresso Brasileiro de Limnologia. IXCongresso Brasileiro de Limnologia. 2003. (Congresso).

V Encontro Maringaense de Biologia - XVIII Semana da Biologia.Composição e Estrutura da Comunidade de Algas Perifiticas no reservatório de Parigot de Souza. 2003. (Encontro).

Wokshop -Produtividade em Reservatórios.Wokshop -Produtividade em Reservatórios. 2003. (Simpósio).

Workshop Nacional Algas bioindicadoras de qualidade da água. 2003. (Simpósio).

II Workshop - PELD- A Planície Aágavel do Alto Rio Paraná.II Workshop - PELD- A Planície Aágavel do Alto Rio Paraná. 2002. (Seminário).

V Encontro de Pós-graduandosde Ecologia de Ambientes Aquáticos Continentais. 2002. (Encontro).

1Fórum ambiental de Maringá. 2001. (Outra).

IV Encontro de Pós- Graduandos de Ecologia de Ambientes Aquáticos Continentais. 2001. (Encontro).

Ecologia e Manejo de Macrófitas Aquaticas. 2000. (Simpósio).

II Encontro de Pós- Graduandos em Ecologia de Ambientes Aquáticos. 2000. (Encontro).

II Encontro de Pós-Grduandos em Ecologia de Ambeintes Aquaticos. 2000. (Encontro).

VII Congresso Brasileiro de Limnologia. Comunidade de Algas Perifiticas do Reservatório de Corumbá nos anos de 1996 e 1997. 1999. (Congresso).

Delineamento amostral em estudos multidiciplinares de longa duração. 1998. (Seminário).

XIII Semana de Estudos de Biologia. 1998. (Congresso).

XI Semana de Estudos de Biologia. 1996. (Outra).

1 Semana de defesa do meio ambiente. 1995. (Outra).

II Congresso de Educação Para Integração da Am'rica Latina. 1994. (Congresso).

XLV Congresso Nacional de Botânica. Algas perifíticas: colonização em ambiente Semi-natural sobre substrato artificial.. 1994. (Congresso).

6 Reunião Brasileira de Ficologia.Análise quantitativa de Bacillariophyceae perifíticas no Horto Florestal Dr. Luiz Teixeira Mendes - Maringá-PR: Dados preliminres (Junho-novembro/91). 1993. (Encontro).

VII Semana de Estudos de Biologia. 1993. (Outra).

IX Congresso da Sociedade Botânica de São Paulo. Variabilidade morfológica de Achnathes exigua Grunow (Bacillariophyceae) em cultura unialgal.. 1992. (Congresso).

IX Encontro Brasileiro de Ictiologia. 1991. (Encontro).

VI Semana de Estudos de Biologia. 1991. (Outra).

III Congresso Brasileiro de Limnologia. 1990. (Congresso).

V Semana de Estudos de Biologia.Dados premilinares sobre alimentação da tuvira, Eigenmania virescens (Siluriforms Sternopygidae) do reservatório de Itaipu. 1990. (Outra).

II Encontro de Botânicos do Paraná E Santa Catarina. 1989. (Encontro).

IV Semana de Estudos de Biologia.Composição alimentar da Piava, Schizodon borelli (Pisces, Anostomidae) no reservatório de Itaipu. 1989. (Outra).

VII Simpósio de Estagiários do Centro de Ciências Biológicas. 1988. (Simpósio).

II Semana de Estudos de Biologia. 1987. (Outra).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

Aluno: Elder José Marcelites

Christoffoli, P. I.; FINATTO, R. A.; ROOS, D.;LEANDRINI, J. A.. AS RELAÇÕES CONTRADITÓRIAS DE PRODUÇÃO NO ASSENTAMENTO CELSO FURTADO NO MUNICÍPIO DE QUEDAS DO IGUAÇU, PR: SUBORDINAÇÃO E RESISTÊNCIA. 2018. Dissertação (Mestrado em Mestrado Agroecologia Desenvolvimento Rural Sust.) - Universidade Federal da Fronteira Sul.

Aluno: ROSALI BANDEIRA CARVALHO DOS SANTOS MACHADO

MACHADO, R. B. C. S.; Martins, S.R.; GONCAVES, M.;LEANDRINI, J. A.; GODOY, W.. Avaliação da Tecnologia Social "captação de água da Chuva"numa perspectiva agroecológica. 2016. Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural Sustentável) - Universidade Federal da Fronteira Sul.

Aluno: Cristina Sturmer dos Santos

Christoffoli, P. I.; MELGAREJO, L.;Leandrini, JA.. ANÁLISE DO PROCESSO DE TRANSIÇÃO AGROECOLÓGICA DAS FAMÍLIAS AGRICULTORAS DO NÚCLEO DA REDE ECOVIDA DE AGROECOLOGIA LUTA CAMPONESA.. 2016. Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural Sustentável) - Universidade Federal da Fronteira Sul.

Aluno: Érika Maria Neif Machado

Leandrini, JA.; RODIGUES, L.; JATI, S.. Implicações de macrófitas invasoras na planície de inundação do alto rio Paraná sobre a estrutura da comunidade perifitica.. 2011. Dissertação (Mestrado em Ecologia de Ambientes Aquáticos Continentais) - Universidade Estadual de Maringá.

Aluno: Barbara Dunck Oliveira

LEANDRINI, J. A.; NOGUEIRA, I. S.; MELO, A. S.. Comunidade de Algas epifitica (com enfase em diatomaceas) em 23 veredas do estado de Goiás sob diferentes impactos ambientais. 2010. Dissertação (Mestrado em Ecologia e Evolução) - Universidade Federal de Goiás.

Aluno: Danielle Goeldner Pereira

VELHO, L.F.M.;LEANDRINI, J. A.; AZEVEDO, F.; BENEDITO, E.; THÔA, F.A.L.. Cultivo de peixes em tanques-rede: impacto sobre a abundÂncia de bactérias, protozoários, flagelados e ciliados planctônicos.. 2008. Tese (Doutorado em Ecologia de Ambientes Aquáticos Continentais) - Universidade Estadual de Maringá.

Aluno: Lilian Aline Candida da Silva

CASSARINO, J. P.; MAYER, P. H.;LEANDRINI, J. A.. ESTUDO SOBRE O EXTRATIVISMO SUSTENTÁVEL E DESCRIÇÃO DE CARACTERÍSTICAS DE MATRIZES FLORESTAIS DE Campomanesia xanthocarpa. 2020. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado Agroecologia Desenvolvimento Rural Sust.) - Universidade Federal da Fronteira Sul.

Aluno: Cássio Batista Marcon

CASSARINO, J. P.;LEANDRINI, J. A.; MAYER, P. H.. AVALIAÇÃO DA ADOÇÃO DE SISTEMAS AGROFLORESTAIS POR AGRICULTORES FAMILIARES NO CONTEXTO DA REDE ECOVIDA DE AGROECOLOGIA.. 2020. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado Agroecologia Desenvolvimento Rural Sust.) - Universidade Federal da Fronteira Sul.

Aluno: Guilherme Pedrollo Mazer

Christoffoli, P. I.;LEANDRINI, J. A.; MAYER, P. H.. O Desenvolvimento do Capitalismo na agricultura dos Campos Gerais.. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Agroecologia e Desenvolvimento Rural Sustentável) - Universidade Federal da Fronteira Sul.

Aluno: Fabio Rodrigo Andrade

F.R. Andrade;LEANDRINI, J. A.; N. R. Reis. Coexistencia de Médios e Grandes Mamiferos em um fragmento florestal. 2008.

Aluno: Thaynara Maziero Lima

LIMA, T. M.; Monkoslki, A.; SIQUEIRA, A. K.;LEANDRINI, J. A.. Manejo de peixes ornamentais marinhos, no laboratório de Peixes Ornamentais Marinhos (LAPOM-UFSC) Florianópolis.. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia de Aquicultura) - Universidade Federal da Fronteira Sul.

Aluno: DIEGO DE JESUS

ECKER, A. E. A.;LEANDRINI, J. A.; SAMPAIO, A. C. F.. Indicação para replanejamento para a arborização de vias publicas do bairro vila Teixeira- Campo Mourão/Pr.2007. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Faculdade Integrado de Campo Mourão.

Aluno: CARLOS ALEXANDRE SEGATO DE OLIVEIRA

ECKER, A. E. A.; SAMPAIO, A. C. F.;LEANDRINI, J. A.. Proposta para readequação de vias públicas do Jardim Gutierrez no município de Campo Mourão/Pr.2007. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Faculdade Integrado de Campo Mourão.

Aluno: EDUARDO ALBERTO SORDI

ECKER, A. E. A.; SAMPAIO, A. C. F.;LEANDRINI, J. A.. Levantamento quali-quantitativo da arborização urbana do bairro vila Teixeira- Campo Mourão/Pr. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Faculdade Integrado de Campo Mourão.

Aluno: CLAUDIO JOSÉ MAGIERO MARANGONI

ECKER, A. E. A.; SAMPAIO, A. C. F.;LEANDRINI, J. A.. Levantamento quali-quantitativo da arborização urbana do bairro do Jardim Gutierrez no município de Campo Mourão/Pr. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Faculdade Integrado de Campo Mourão.

Aluno: Iria Dsiedzic

KAWAMOTO, L. K.; Dick, A. A. D.;LEANDRINI, J. A.. Higiene e segurança alimentar no setor do turismo - avaliação das condições higiênico sanitárias de um buffet do municipio de Campo Mourão PR.. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Faculdade Integrado de Campo Mourão.

Aluno: Sheila Thayana Zvolinski

SOUZA, D. C.;LEANDRINI, J. A.; CAXANBU, M.. Análise anatomica, quimica do desenvolvimento de Pontederia rotundifolia L.F. em leitos cultivados com afluentes de metais pesados.. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Tecnologia em Gerenciamento Ambiental) - Centro Federal de Educação Tecnológica do Paraná, Unidade de Campo Mourão.

Aluno: ÉRICA FABIANA DE OLIVEIRA

SOUZA, D. C.;LEANDRINI, J. A.; CAXANBU, M.. Biomonitoramento da qualidade do ar por Liquens na floresta da reserva legal do centro da área urbana do distrito de Primavera/Municipio de Rosana-SP. 2005.

Aluno: Leandro Mignoso

Mignoso, L.; ARAUJO Jr, G. C.; RETUCI, V. S.;LEANDRINI, J. A.. Leavantamento e avaliação da Arbolrização urbana no Jardim copacabana, Campo Mourão-Pr.. 2005 - Centro Integrado de Ensino Superior Cies Pr.

Aluno: Marcelo Uhren

Uhren, M; ARAUJO Jr, G. C.; RETUCI, V. S.;LEANDRINI, J. A.. Parametros para Urbanização implantação da arborização urbana. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Centro Integrado de Ensino Superior Cies Pr.

Aluno: Priscila Zanardo Vieira

SOUZA, D. C.;LEANDRINI, J. A.; CAXANBU, M.. Análise anatômica e do desenvolvimento de Pontederia Rotundifolia L.F. utilizada no tratamento de esgoto doméstico em leitos cultivados. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Tecnologia em Gerenciamento Ambiental) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná.

Aluno: Maristela dos Santos Saviniec e Fabiana Feliz da Silva

KAWAMOTO, L. K.; Dick, A. A. D.;LEANDRINI, J. A.. Higiene e segurança - Estudo de Caso de estabelicimento comercial em Campo Mourão. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Faculdade Integrado de Campo Mourão.

Berticelli, I. A.;LEANDRINI, J. A.; Budke, J.C.. Processo Seletivo para Contratação de Docentes / UNOCHAPECO. 2010. Universidade Comunitária da Região de Chapecó.

JACOBI, U. S.; AMARANTE, C. V. T.; STEFFENS, C. A.; ZANIN, E. M.;LEANDRINI, J. A.. PORTARIA n108/GR/UFFS/2010 - Bancas Examinadoras do Concurso para Provimento de Cargos da Carreira do Magistério Superior, para o Quadro Permanente da UFFS. 2010. Universidade Federal da Fronteira Sul.

LEANDRINI, J. A.; BUNDCHEN, M.; REALI, N. G.; DENARDIN, R. B. N.; PASQUALLI, R.. Processo Seletivo para Contratação de Docentes / UNOCHAPECO. 2007. Universidade Comunitária da Região de Chapecó.

POVH, J. A.;LEANDRINI, J. A.. Processo seletivo para contratação de Docente - Faculdade Integrado. 2005. Centro Integrado de Ensino Superior Cies Pr.

Pierini, S.A;LEANDRINI, J. A.; SOUZA, D. C.. Processo seletivo para contratação de Docente - Faculdade Integrado. 2005. Faculdade Integrado de Campo Mourão.

LEANDRINI, J. A.; COLLI, S. J. C.; Almeida, A. C.G.. Processo seletivo para contratação de Docente - Faculdade Integrado. 2005. Faculdade Integrado de Campo Mourão.

LEANDRINI, J. A.. Avaliação de Projetos - Comissão. 2010. Universidade Tecnológica Federal do Paraná.

PAGIORO, T. A.LEANDRINI, J. A.; THÔA, F.A.L.. IX EPGPEA- Encontro de Pós-Graduandos em Ecologia de Ambientes aquáticos Continentais. 2006. Universidade Estadual de Maringá.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Sueli Train

RODRIGUES, Liliana; BICUDO, Carlos Eduardo de Matos; SCHWARZBOLD, Albano;TRAIN, SueliVELHO, Luiz Felipe Machado. Perifíton - Diatomácea e Biomassa - em sistemas semilóticos da planície de inundação do alto rio Paraná. 2006. Tese (Doutorado em Ecologia de Ambientes Aquáticos Continentais) - Universidade Estadual de Maringá.

Sueli Train

RODRIGUES, Liliana;PAGIORO, Thomaz AurélioTRAIN, Sueli; TRAIN, Dra Sueli. Diatomáceas e o seu uso no monitoramento da água. 2005. Exame de qualificação (Doutorando em Ecologia de Ambientes Aquáticos Continentais) - Universidade Estadual de Maringá.

Hermes Moreira Filho

LEANDRINI, Josimeire AparecidaMOREIRA FILHO, H.. Diatomáceas Perifíticas da região de captacão de água da Sanepar, Maringá - PR.(Córrego Sarandi e Rio Pirapó.. 1999. Dissertação (Mestrado em Botânica) - Universidade Federal do Paraná.

Fabio Amodeo Lansac Toha

RODRIGUES, Liliana;LANSAC-TOHA, F. A.; MOREIRA, A. L. R.. Estudo taxonômico de Navicula Bory, da região de capitação de água da Sanepar, rio Pirapó, Maringá, Maringá. 1996. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Estadual de Maringá.

Liliana Rodrigues

RODRIGUES, L.TRAIN, Sueli; PAGIORO, Thomaz Aurélio. Diatomáceas e o seu uso no monitoramento da qualidade de água. 2005. Tese (Doutorado em Ecologia de Ambientes Aquáticos Continentais) - Universidade Estadual de Maringá.

Ana Lúcia Olivo Rosas Moreira

MOREIRA, Ana Lúcia Olivo Rosas. Estudo Taxonômico de Navicula Bory da Região de Captação de Água da SANEPAR, Rio Pirapó, Maringá, Paraná. 1996. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Licenciatura e Bacharelado Em Ciências Biológicas) - Universidade Estadual de Maringá.

Thelma Alvim Veiga Ludwig

MOREIRA FILHO, HermesLUDWIG, Thelma Alvim VeigaRODRIGUES, L.. Diatomáceas perifíticas da região de captação de água da SANEPAR, Maringá, PR. 1999. Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas Botânica) - Universidade Federal do Paraná.

Thomaz Aurélio Pagioro

PAGIORO, T. A.; RODRIGUES, L.;TRAIN, Sueli. Diatomáceas e o seu uso no monitoramento da qualidade da água. 2005. Exame de qualificação (Doutorando em Ecologia de Ambientes Aquáticos Continentais) - Universidade Estadual de Maringá.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Orientou

Cheila Rammos

GÊNERO E AGROECOLOGIA: UMA ANÁLISE DA CULTURA INDÍGENA DA TERRA RIO DAS COBRAS ? NOVA LARANJEIRAS-PR; Início: 2019; Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural Sustentável) - Universidade Federal da Fronteira Sul; (Coorientador);

Kamila Krinski Faria

Diagnóstico da Meliponicultura na região Centro Sul do Paraná; Início: 2019; Dissertação (Mestrado profissional em Agroecologia e Desenvolvimento Rural Sustentável) - Universidade Federal da Fronteira Sul, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; (Orientador);

Geneci Ribeiro dos Santos

QUINTAIS PRODUTIVOS E O PAPEL DAS MULHERES CAMPONESAS PARA O FORTALECIMENTO DA PRODUÇÃO AGROECOLÓGICA: UM ESTUDO DAS EXPERIÊNCIAS DESENVOLVIDAS PELO MOVIMENTO DE MULHERES CAMPONESAS ? MMC/ SC; ; Início: 2019; Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural Sustentável) - Universidade Federal da Fronteira Sul; (Coorientador);

Juliana Bavuzo

Agroecologia construção coletiva; Início: 2018; Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural Sustentável) - Universidade Federal da Fronteira Sul; (Coorientador);

Eliton Luiz Costa Freitas

Participação política de jovens camponesas: acesso à terra e empoderamento; Início: 2020; Iniciação científica (Graduando em Agronomia) - Universidade Federal da Fronteira Sul, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; (Orientador);

Emerson João Wrubel

Espécies de Macrofungos do Filo Basidiomycota na Região Cantuquiriguaçu/PR; EDITAL No 459/GR/UFFS/2019; Início: 2019; Iniciação científica (Graduando em Agronomia) - Universidade Federal da Fronteira Sul; (Orientador);

Edimar Tenutti

ESTUDO DE PAISAGEM E OCORRÊNCIA DE MELIPONINEOS (HYMENOPTERA, APIDAE, MELIPONINI) EM UNIDADES DE PRODUÇÃO AGROECOLOGICAS DE ASSENTAMENTOS DA REFORMA AGRARIA, PR; 2020; Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural Sustentável) - Universidade Federal da Fronteira Sul,; Orientador: Josimeire Aparecida Leandrini;

Anelize de Souza Muller Campus

Casa Familiar Rural permanencia da juventude no campo? um estudo no territorio da Cantuquiriguaçu PR; ; 2018; Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural Sustentável) - Universidade Federal da Fronteira Sul, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Josimeire Aparecida Leandrini;

Gabriela Arruda Canosa

PROPOSTA METODOLÓGICA PARA PLANEJAMENTO PARTICIPATIVO DE SISTEMAS AGROFLORESTAIS JUNTO A AGRICULTORES(AS) FAMILIARES DO NÚCLEO LUTA CAMPONESA DA REDE ECOVIDA DE AGROECOLOGIA - PR; 2016; Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural Sustentável) - Universidade Federal da Fronteira Sul, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Josimeire Aparecida Leandrini;

Flavia Regina Fernades Silva

GÊNERO E AGROECOLOGIA: ESTUDO DE CASO DE UMA ORGANIZAÇÃO PRODUTIVA DE MULHERES CAMPONESAS EM LARANJEIRAS DO SUL PARANÁ; ; 2016; Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural Sustentável) - Universidade Federal da Fronteira Sul, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Josimeire Aparecida Leandrini;

Ana Claudia Rauber

Conhecimento Etnobotânico Sobre Plantas Medicinais E Plantas Alimentícias Não Convencionais Das Famílias Agricultoras Pertencentes Ao Núcleo Regional Luta Camponesa Da Rede Ecovida De Agroecologia; 2016; Dissertação (Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural Sustentável) - Universidade Federal da Fronteira Sul,; Coorientador: Josimeire Aparecida Leandrini;

Rosângela de Fátima Rodrigues

deologia de Gênero: Da falácia de uma expressão meramente eleitoreira a um instrumento de manutenção do patriarcado na escola pública; ; 2019; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Realidade Brasileira) - Universidade Federal da Fronteira Sul; Orientador: Josimeire Aparecida Leandrini;

Moacir da Silva

Ocorrência de algas perifíticas em um trecho do Rio dos Papagaios ? Campo Mourão Paraná/Brasil; 2007; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Gerenciamento e Auditoria Ambien) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná; Orientador: Josimeire Aparecida Leandrini;

Maria Alice Nunes

MICROALGAS Desmodesmus quadricauda e Monorraphydium sp; (Chlorophyta) ORIUNDAS DO RIO DO LEÃO, TESTADAS COMO BIOINDICADORES NA DETECÇÃO DE GLIFOSATO; 2019; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Engenharia de Aquicultura) - Universidade Federal da Fronteira Sul, Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação; Orientador: Josimeire Aparecida Leandrini;

Henrique Brondani da Silva

AVALIAÇÃO PROTEICA E LIPÍDICA DA MICROALGA Desmodesmus sp; CULTIVADA EM MEIO DE CULTURA ASM-1; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Engenharia de Aquicultura) - Universidade Federal da Fronteira Sul; Orientador: Josimeire Aparecida Leandrini;

Jakeline Martins Vaz

DIVERSIDADE DE FUNGOS AGARICOMYCETES EM TRECHOS DE MATA ATLÂNTICA NA REGIÃO DA CANTUQUIRIGUAÇU, PARANÁ, BRASIL; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Agronomia) - Universidade Federal da Fronteira Sul; Orientador: Josimeire Aparecida Leandrini;

ÉRICA FABIANA DE OLIVEIRA

Biomonitoramento da qualidade do ar por Liquens na floresta da reserva legal do centro da área urbana do distrito de Primavera/Municipio de Rosana-SP; 2005; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Tecnologia em Gerenciamento Ambiental) - Centro Federal de Educação Tecnológica do Paraná, Unidade de Campo Mourão; Orientador: Josimeire Aparecida Leandrini;

Paulo Custódio de Oliveira

Ocorrência de Fanerogamas, Briófitas e de Fungos (macromycetes) do remanescente florestal do Campus ? Faculdade Integrado de Campo Mourão - Paraná/Brasil; ; 2006; Iniciação Científica; (Graduando em Ciencias Biologicas) - Centro Integrado de Ensino Superior Cies Pr, Fundação Nacional de Desenvolvimento do Ensino Superior Particular; Orientador: Josimeire Aparecida Leandrini;

Fabíola Dorneles Inácio

Ocorrência de Fanerogamas, Briófitas e de Fungos (macromycetes) do remanescente florestal do Campus ? Faculdade Integrado de Campo Mourão - Paraná/Brasil; ; 2006; Iniciação Científica; (Graduando em Ciencias Biologicas) - Centro Integrado de Ensino Superior Cies Pr, Fundação Nacional de Desenvolvimento do Ensino Superior Particular; Orientador: Josimeire Aparecida Leandrini;

Lucas Eduardo Kunz

Ocorrência de Fanerogamas, Briófitas e de Fungos (macromycetes) do remanescente florestal do Campus ? Faculdade Integrado de Campo Mourão - Paraná/Brasil; ; 2006; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Centro Integrado de Ensino Superior Cies Pr, Fundação Nacional de Desenvolvimento do Ensino Superior Particular; Orientador: Josimeire Aparecida Leandrini;

Amanda Lopes Ignácio

Plantas Medicinais de uso popular nas cidades de Campo Mourão, Janiópolis e Peabiru; ; 2005; Iniciação Científica; (Graduando em Ciencia Biológicas) - Faculdade Integrado de Campo Mourão; Orientador: Josimeire Aparecida Leandrini;

Sidnei Pressinatte Júnior

Pteridófitas e epífitas de ocorrência natural em um remanescente florestal e em uma unidade de conservação na região de Campo Mourão - Paraná/Brasil; 2005; Iniciação Científica; (Graduando em Ciencia Biológicas) - Faculdade Integrado de Campo Mourão; Orientador: Josimeire Aparecida Leandrini;

Gilberto Acorde de Souza

Perspectivas Agroecológicas em Áreas De Reforma Agrária; 2019; Orientação de outra natureza; (Extensão Realidade Brasileira) - Universidade Federal da Fronteira Sul; Orientador: Josimeire Aparecida Leandrini;

Jaqueline Dalagnol

Monitoria em Organografia e Sistemática Vegetal; 2017; Orientação de outra natureza; (Agronomia) - Universidade Federal da Fronteira Sul; Orientador: Josimeire Aparecida Leandrini;

Henrique Brondani da Silva

Identificação e organização do sistema produtivo de piscicultores da região de Laranjeiras do Sul: Aspectos associados ao Manejo, monitoramento ambiental, controle sanitário e controle do sistema de produção; ; 2016; Orientação de outra natureza; (Engenharia de Aquicultura) - Universidade Federal da Fronteira Sul, Ministério da Educação; Orientador: Josimeire Aparecida Leandrini;

Jaqueline Dalagnol

Monitoria de Organografia e sistemática Vegetal; 2016; Orientação de outra natureza; (Agronomia) - Universidade Federal da Fronteira Sul; Orientador: Josimeire Aparecida Leandrini;

Jakeline Martins Vaz

Espécies de Macrofungos da Divisão Basidiomycota na Região Cantuquiriguaçu/PR; ; 2015; Orientação de outra natureza; (Agronomia) - Universidade Federal da Fronteira Sul, Ministério da Educação; Orientador: Josimeire Aparecida Leandrini;

Paulo Roberto Custódio de Oliveira

Fungos e Briófitas; 2006; Orientação de outra natureza - Faculdade Integrado de Campo Mourão; Orientador: Josimeire Aparecida Leandrini;

Amanda Ignácio

Implantação do Horto de Plantas medicinais; 2006; Orientação de outra natureza - Faculdade Integrado de Campo Mourão; Orientador: Josimeire Aparecida Leandrini;

Paulo Roberto Custódio de Oliveira

Monitoria - Estudos de Briófitas e Pteridófitas; 2006; Orientação de outra natureza; (Ciencia Biológicas) - Faculdade Integrado de Campo Mourão; Orientador: Josimeire Aparecida Leandrini;

Goreti Aparecida Machado Trindade

Monitoria - Disciplina de Morfologia e Sistemática de Fanerógamas; 2006; Orientação de outra natureza; (Ciencia Biológicas) - Faculdade Integrado de Campo Mourão; Orientador: Josimeire Aparecida Leandrini;

Ademilson Vedovato Cavalcante

Monitoria - Anatomia de Plantas com Sementes; 2006; Orientação de outra natureza; (Ciencia Biológicas) - Faculdade Integrado de Campo Mourão; Orientador: Josimeire Aparecida Leandrini;

Glayze Mayra Dorce

Monitoria - Disciplina de Sistemática de Algas e Fungos; 2006; Orientação de outra natureza; (Ciencias Biológicas) - Faculdade Integrado de Campo Mourão; Orientador: Josimeire Aparecida Leandrini;

Julio Wesceslau Macowiski

Laboratório Herbário - Levantamento de Fungos Macroscópicos; 2006; Orientação de outra natureza; (Ciencias Biológicas) - Faculdade Integrado de Campo Mourão; Orientador: Josimeire Aparecida Leandrini;

Sara Gonçalves da Silva

Monitoria- Disciplina de Sistemática de Briófitas e Pteridófitas; 2006; Orientação de outra natureza; (Ciencias Biológicas) - Faculdade Integrado de Campo Mourão; Orientador: Josimeire Aparecida Leandrini;

Roger Paulo Mormul

Monitoria - Disciplina de Sistemática de Fanerógamas; 2006; Orientação de outra natureza; (Ciencias Biológicas) - Faculdade Integrado de Campo Mourão; Orientador: Josimeire Aparecida Leandrini;

Julio Wenceslau Macowski, Sara Gonçalves da Silva

I Mostra do Curso de Ciências Biológicas - Introdução dos alunos de Primeiro e Segundo Graus no reino Fungi -Identificação e cultivo; 2006; Orientação de outra natureza; (Ciencias Biológicas) - Faculdade Integrado de Campo Mourão; Orientador: Josimeire Aparecida Leandrini;

Irieler Lúcia Frare

Estágio Supervisionado; 2006; Orientação de outra natureza; (Ciências Biológicas) - Faculdade Integrado de Campo Mourão; Orientador: Josimeire Aparecida Leandrini;

Eli Carlos de Oliveira

Monitoria - Disciplina de Morfologia e Sistemática Vegetal; 2005; Orientação de outra natureza; (Agronomia) - Faculdade Integrado de Campo Mourão; Orientador: Josimeire Aparecida Leandrini;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • LEANDRINI, J. A. ; RAUBER, A. C. ; MUELBERT, B. ; SANTOS, C. S. ; Christoffoli, P. I. ; PEREIRA, M. F. C. S. ; MOURA, G. S. ; Franzener, G. ; BORBA, M. R. . Núcleos De Estudo Em Agroecologia: Construção Coletiva E Redes. Revista Brasileira de Agroecologia (Online) , v. 13, p. 258-270, 2018.

  • ALGARTE, VANESSA MAJEWSKI ; DUNCK, BÁRBARA ; LEANDRINI, J. A. ; RODRIGUES, L. . Periphytic diatom ecological guilds in floodplain: Ten years after dam. ECOLOGICAL INDICATORS , v. 69, p. 407-414, 2016.

  • CANOSA, GABRIELA ARRUDA ; CASSARINO, JULIAN PEREZ ; LEANDRINI, JOSIMEIRE . Uso de fichas ilustradas para seleção de espécies arbóreas nativas no planejamento participativo de sistemas agroflorestais com famílias agricultoras do Núcleo Luta Camponesa da Rede Ecovida de Agroecologia, PR. DESENVOLVIMENTO E MEIO AMBIENTE (UFPR) , v. 39, p. 133-157, 2016.

  • Leandrini, JA. ; FELISBERTO, Sirlene Aparecida ; Dunck Oliveira, B . Estrutura da comunidade de algas perifíticas em distintas Veredas no cerrado goiano. REVISTA DE BIOLOGIA NEOTROPICAL , v. 10, p. 9, 2013.

  • FELIZBERTO, S. A. ; Leandrini, JA. ; Rodrigues, L. . Effects of nutrients enrichment on algal communities: an experimental in mesocosms approach. Acta Limnologica Brasiliensia , v. 23, p. 128-137, 2011.

  • LEANDRINI, J. A. ; RODIGUES, L. . Temporal Variations Periphyton Biomass in Environments of the Upper Paraná River Floodplain. Acta Limnológica Brasiliensia , v. 20, p. 13-28, 2008.

  • Azevedo, J.C.R. ; TEIXEIRA, M. C. ; Santos, M. A. ; Leandrini, JA. ; PAGIORO, T. A. . Caracterização espectroscópica da matéria orgânica dissolvida da planície de inundação do alto Rio Paraná. Oecologia Brasiliensis (Online) , v. 12, p. 66-77, 2008.

  • Leandrini, JA. ; Fonseca, IA. ; Rodrigues, L. . Characterization of habitats based on algal periphyton biomass in the upper Paraná River floodplain, Brazil. Brazilian Journal of Biology (Impresso) , v. 68, p. 503-509, 2008.

  • Cetto, Jusara Maria ; Leandrini, Josimeire Aparecida ; FELISBERTO, Sirlene Aparecida ; RODRIGUES, Liliana . Comunidade de algas perifíticas no reservatório de Irai, Estado do Paraná, Brasil. ACTA SCIENTIARUM. BIOLOGICAL SCIENCES (ONLINE) , Maringá, v. 26, p. 1-7, 2004.

  • LEANDRINI, J. A. ; MOREIRA FILHO, H. ; RODRIGUES, Liliana . Espécies perifíticas de Navicula Bory de dois sistemas lóticos do município de Maringá, Estado do Paraná - Brasil.. Hoehnea (São Paulo) , São Paulo, v. 29, p. 49-56, 2002.

  • FELIZBERTO, S. A. ; RODRIGUES, L. ; LEANDRINI, J. A. . Chlorococcales registradas na comunidade perifítica, no reservatório de Corumbá, Estado de Goiás, Brasil, antes e após o represamento das águas. Acta Scientiarum. Biological Sciences (Online) , v. 23, p. 275-282, 2001.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

PAROLIN, M. ; Volkmer-Ribeiro, C. ; LEANDRINI, J. A. . Elaboração de kit didático para distribuição nas escolas públicas do Paraná - Lâmina de microscopia e livro sobre esponjas de água doce e diatomáceas.. 2008.

RODRIGUES, Liliana ; FELIZBERTO, S. A. ; CETTO, Jussara Maria ; LEANDRINI, J. A. ; JATI, S. . Identificação de espécies bioindicadoras de estado trófico e poluição. 2003.

RODRIGUES, Liliana ; LEANDRINI, J. A. . Estudos Limnológicos na área de Influência do Reservatório de Corumbá (Go). 2000.

RODRIGUES, Liliana ; LEANDRINI, J. A. . Estudos Limnológicos na área de Influência do Reservatório de Corumbá (Go). 1999.

RODRIGUES, Liliana ; LEANDRINI, J. A. . Estudos Limnológicos na Área de Influência do Reservatório de Corumbá (G0). 1998.

RODRIGUES, Liliana ; LEANDRINI, J. A. . Estudos Ambientais da Planicie de Inundação do rio Paraná no trecho compreendido entre a foz do rio Paranapanema e o reservatorio de Itaipu.. 1994.

LEANDRINI, J. A. . Noções gerais sobre algas. 2011. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

LEANDRINI, J. A. . Algas Indicadoras de qualidade de água. 2007. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

RODIGUES, L. ; ALGARTE, Vanessa M ; FONSECA, I. A. ; OLIVEIRA, C. E. M. ; MORESCO, C. ; LEANDRINI, J. A. ; FELIZBERTO, S. A. . A Planície de Inundação do Alto Rio Paraná- Perifiton. 2005. (Relatório de pesquisa).

RODIGUES, L. ; LEANDRINI, J. A. ; FONSECA, I. A. ; SILVA, E. L. S. V. . A Planície de Inundação do Alto Rio Paraná- Perifiton. 2003. (Relatório de pesquisa).

RODIGUES, L. ; LEANDRINI, J. A. ; FONSECA, I. A. ; SILVA, E. L. S. V. . A Planície de Inundação do Alto Rio Paraná- Perifiton. 2002. (Relatório de pesquisa).

RODIGUES, L. ; LEANDRINI, J. A. ; SILVA, E. L. S. V. ; FONSECA, I. A. ; PEREIRA, S. R. ; JATI, S. . A Planície de Inundação do Alto Rio Paraná - Perifiton. 2001. (Relatório de pesquisa).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2020 - Atual

    Participação política de jovens camponesas: acesso à terra e empoderamento, Descrição: A pesquisa busca analisar as questões da participação política e o acesso à terra de jovens mulheres camponesas. O referencial teórico pauta-se nos debates e estudos feministas sobre as categorias ?reconhecimento? e ?redistribuição?. Essas categorias problematizam a tendência analítica em tornar essas duas alternativas excludentes. Com base na proposta teórico metodológica dos estudos feministas, integra-se analíticamene os aspectos emancipatórios das duas problemáticas reconhecimento e redistribuição, que por um lado desenvolve uma concepção bivalente na qual contenha tanto reivindicações por igualdade social como reconhecimento das diferenças e por outro, orienta propostas políticas a integrar o melhor das políticas de redistribuição com o melhor das políticas de reconhecimento, o que pode demonstrar como se realizará o empoderamento das mulheres. O espaço geopolítico da análise está limitado às comunidades rurais de assentamentos de reforma agrária e de pequenos agricultores do Território da Cidadania Cantuquiriguaçu ? Paraná. Os sujeitos da pesquisa são as jovens camponesas de assentamentos e da agricultura familiar. O objetivo da análise é verificar como as políticas de redistribuição se articulam na prática com as políticas de reconhecimento, advindas das esferas do Estado, dos movimentos sociais e da família a partir das reivindicações das jovens camponesas ao acesso à terra e à participação política. A metodologia consiste em analisar, por meio de depoimentos e questionários as experiências das jovens camponesas nos movimentos sociais pela reforma agrária e suas relações com as políticas públicas governamentais de acesso à terra, de crédito fundiário e de financiamento da produção familiar. Em resumo, o que essas políticas têm contribuído para o empoderamento da mulher na região.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Josimeire Aparecida Leandrini - Coordenador / Siomara Aparecida Marques - Integrante / Geneci Ribeiro dos Santos - Integrante / Cheila Aparecida Ramos - Integrante / Fernanda Marcon - Integrante / Eliton Luiz Costa Freitas - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2019 - Atual

    Espécies de Macrofungos do Filo Basidiomycota na Região Cantuquiriguaçu/PR., Descrição: O reino Fungi, possui organismos fundamentais aos ecossistemas, pois atuam na decomposição e reciclagem da matéria orgânica presente no meio ambiente. No entanto, somente uma pequena parcela, cerca de 5% a 10%, desses organismos foram descobertos e descritos. Levando-se em conta que um terço dos organismos componentes da biomassa florestal possuem em sua composição a lignina, a atuação desses seres decompositores torna-se evidente, devido à sua função na ciclagem de nutrientes. O reino Fungi inclui espécies com grandes corpos e esporófitos visíveis chamados de macrofungos, dentre eles encontra-se os Basidiomycotas, os únicos organismos que são capazes de degradar de maneira eficiente a lignina. Sendo compostos por um píleo (chapéu) e uma estipe (haste), são frequentemente encontrados nos campos e nas florestas. Esses tipos de organismos possuem grande potencial para o uso na alimentação humana, indústria e fins medicinais. Por conta das incessantes alterações que ocorrem nos ecossistemas, muitas espécies de fungos culminam em desaparecimento sem nem ao menos terem sido adequadamente observados e estudados, perdendo-se então possivelmente um importante saber científico. Em razão dessa elevada capacidade de uso desses microrganismos para o beneficiamento humano que estruturamos o presente projeto, que, visa reunir em uma coleção as espécies nativas de macrofungos do Filo Basidiomycota provenientes da Região de Cantuquiriguaçu, do qual serão efetuadas coletas no período de novembro/2019 a maio de 2020. Este projeto foi aprovado no EDITAL No 459/GR/UFFS/2019.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Josimeire Aparecida Leandrini - Coordenador / Emerson Wrubel - Integrante / Andre Martins - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.Número de orientações: 1

  • 2016 - Atual

    Avaliação da Efetividade da Cartilha PET e você por um mundo mais saudável, Descrição: Avaliação da Efetividade da Cartilha "PET e você por um mundo mais saudável" nas escolas de ensino fundamental do município de Laranjeiras do Sul - PR, com estudantes dos sestos anos.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Josimeire Aparecida Leandrini - Coordenador / Jakeline Martins Vaz - Integrante / Marcos Paulo Bertolini da Silva - Integrante / Andrei Zocche - Integrante.

  • 2014 - 2016

    Implantação do Núcleo de Estudos em Agroecologia e Produção Orgânica do Território da Cidadania da Cantuquiriguaçu (NEA-Cantuquiriguaçu), Descrição: A região da Cantuquiriguaçu apresenta economia ligada diretamente a produção agropecuária tendo a agricultura familiar como base para o desenvolvimento. A região também se caracteriza por baixo IDH e como uma das principais regiões de reforma agrária do país. A criação da Universidade Federal da Fronteira Sul UFFS com campus Laranjeiras do Sul, na Cantuquiriguaçu, representou grande conquista para comunidade, entidades e movimentos sociais, apresentando diferentes cursos com vistas ao desenvolvimento rural sustentável. Desde a implantação da UFFS no território várias ações de educação, pesquisa e extensão envolvendo entidades e agricultores tem sido realizadas buscando desenvolver sistemas de base ecológica e o desenvolvimento regional. Grande contribuição em ações nesse sentido espera-se com o início do Programa de Pós-Graduação em Agroecologia e Desenvolvimento Rural Sustentável. Assim, revela-se a grande importância da implementação do Núcleo de Estudos em Agroecologia e Produção Orgânica (NEA) como fundamental para consolidação de um centro de referência em educação, pesquisa e extensão na área. Para tanto serão desenvolvidas atividades integradas em várias frentes para formação/capacitação, pesquisa e extensão, envolvendo a comunidade acadêmica, entidades de ATER, movimentos sociais e agricultores familiares. NEA servirá como um catalizador e organizador desses projetos e atividades que já vem sendo desenvolvidas, fomentando novos projetos e ações continuadas. Assim, espera-se que o NEA contribua grandemente para diferentes aspectos relacionados a sustentabilidade ambiental, social e econômica em agroecossistemas na região da Cantuquiriguaçu e na geração e sistematização de conhecimento em Agroecologia e Produção Orgânica .Chamada N 81/2013 - MCTI/MAPA/MDA/MEC/MPA/CNPq. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Josimeire Aparecida Leandrini - Integrante / Pedro Ivan Christoffoli - Integrante / Luiza Helena Casarolli - Integrante / Manuela Franco de Carvalho da Silva Pereira - Integrante / Gilmar Franzener - Coordenador / Gabriela Arruda Canosa - Integrante / Julian Perez Cassarino - Integrante / Anelize De Souza Muller Campos - Integrante / Aline Pomari Fernandes - Integrante / Cláudia Simone Madruga Lima - Integrante / Lisandro Tomas da Silva Bonome - Integrante / Gabriela Silva Moura - Integrante / Ana Claudia Rauber - Integrante.

  • 2011 - 2013

    Desafio da construção de uma universidade comprometida para a agroecologia: uma nova proposta MDA/SAF/CNPq ? N 58/2010 ? Chamada 2, Descrição: Estruturar um grupo de pesquisa com vistas a apoiar a consolidação da política institucional agroecológica da UFFS. Gerar conhecimentos e difundir a pesquisa por meio de publicações científicas de qualidade. Realizar o mapeamento das atividades produtivas e estágio de transição para a agroecologia na produção hortifrutícola nos assentamentos e pequenos agricultores da região Cantuquiriguaçu, visando o seu direcionamento para atendimento aos Programas PAA e PNAE regionais e nacionais; Desenvolvimento de metodologias participativas para organização de base e fomento à constituição/consolidação de iniciativas econômicas associativas entre agricultura camponesa e assentados da reforma agrária, em vista do fornecimento aos programas de mercado institucional, bem como, num segundo momento, da disputa do mercado concorrencial de produtos hortifrutícolas; Apoiar a consolidação de políticas públicas que vem sendo construídas em nível nacional e regional, como o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) e Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), além de programas focalizados como o Programa de Consolidação de Assentamentos (PAC) do INCRA;Potencializar o desenvolvimento de áreas objeto de políticas públicas como os assentamentos de reforma agrária, visando sua consolidação socioeconômica em vista do desenvolvimento em bases agroecológicas;. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (6) . , Integrantes: Josimeire Aparecida Leandrini - Integrante / Paulo Henrique Mayer - Coordenador / Pedro Ivan Christoffoli - Integrante / Diego dos Santos - Integrante / Maude Regina de Borba - Integrante / Betina Muelbert Esquivel - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2011 - 2013

    Edital CNpq 58/2010 - Estratégias Integradas de Manejo, Uso e Conservação da Diversidade de Variedades Locais de Milho-comum e Milho-pipoca Conservadas por Agricultores Familiares do Oeste de SC e Centro Oeste do PR. UFSC., Descrição: Projeto da Universidade Federal de Santa Catarina Identificar agricultores do Oeste de Santa Catarina e Sudoeste do Paraná que conservam variedades locais, crioulas e tradicionais de milho-comum e milho-pipoca, mediante a organização de um livro de Registro Comunitário da Diversidade ? RCD.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (6) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Josimeire Aparecida Leandrini - Integrante / Pedro Ivan Christoffoli - Integrante / Ines C. Burg - Integrante / Juliana Bernardi Ogliari ( - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2011 - 2012

    Estudo Exploratório e Avaliação da Utilização de Agrotóxicos por Trabalhadores Rurais do Município de Laranjeiras do Sul, Paraná, Descrição: O Brasil figura entre os principais consumidores mundiais de agrotóxicos resultando em inúmeros problemas, tanto de saúde da população como do meio ambiente. Estas substâncias têm sido relacionadas principalmente a disfunções do sistema reprodutivo, imunológico, endócrino e metabólico, podendo causar anormalidades no desenvolvimento além de inúmeras doenças tais como neoplasias. A contaminação humana e ambiental por agrotóxicos está longe de ser um problema simples, devendo-se levar em conta as análises dos determinantes sociais, econômicos e culturais relacionados com a opção (ou imposição) do uso de agrotóxicos no processo de produção agrícola e a avaliação das formas através das quais as populações humanas interpretam os perigos representados pelo uso intensivo destes agentes. Este trabalho tem por objetivo conhecer o panorama geral da população rural bem como analisar os determinantes sociais e ambientais relacionados à exposição ocupacional de trabalhadores rurais do município de Laranjeiras do Sul aos agrotóxicos.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Josimeire Aparecida Leandrini - Integrante / Pedro Ivan Christoffoli - Integrante / Diego dos Santos - Integrante / Luísa Helena Cazarolli - Coordenador / Felipe de Matos Monteiro - Integrante / Cintia Mara Zapalovski - Integrante.

  • 2010 - 2014

    Biodiversidade e ecologia de algas perifíticas da represa Samambaia (Goiânia, Goiás), Descrição: Operifítonérepresentadoporumafinacamada(biofilme)variandoemalgunsmilímetros,queatuanainterfaceentreosubstratoeaágua circundante.Sãoobservadoscomomanchasverdesoupardasaderidosaobjetossubmersosnaáguacomorochas,troncos,objetos artificiais(inertes)eavegetaçãoaquática.Otermoperifítonfoiconsagradoedefinidocomoumacomplexacomunidadedemicrorganismos (algas,bactérias,fungoseanimais),detritosorgânicoseinorgânicosaderidosasubstratosinorgânicosouorgânicosvivosoumortos.Os trabalhosdesenvolvidoscomoperifítonsãoemgrandepartedirecionadosaosestudosdesuaestruturaeimportânciaparaometabolismo dosecossistemasaquáticos.Ricoemproteínas,vitaminaseminerais,constituiimportantealimentoparamuitosorganismosaquáticos.Sua qualidadealimentarédeterminadapelacomposiçãodosmaioresgruposdealgas,influenciandoaproduçãosecundáriaeofluxodeenergia dosorganismosconsumidores.Comefetivaparticipaçãonareciclagemdenutrientesinorgânicos,quasetodaproduçãofotossintéticaé mineralizadacontinuamentenobiofilmeperifítico.Destaforma,considerandoaimportânciaqueasAlgasrepresentamnocenárionacionalde divulgaçãoedepesquisaeaindaasuaextraordináriariquezaediversidade,oprojetoaquipropostovisaampliaredivulgarabiodiversidadeeecologiadafloraalgalperifíticadarepresaSamambaia(Goiânia,Goiás).Pararespondertalobjetivo,coletasdoperifítondesubstratosnaturais(plantasaquáticas)serãorealizadasnaregiãolitorâneadecincopontosamostraisdarepresaSamambaia,emjulho(piloto);agostoesetembrode2010,2011,2012e2013(períododeestiagem),totalizandonovecampanhas.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Josimeire Aparecida Leandrini - Integrante / Sirlene Aparecida Felizberto - Coordenador.

  • 2008 - 2011

    Estudo da Influência da Urbanização de Londrina na Comunidade de Diatomáces Bentônicas de Ecossistemas Lóticos, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Josimeire Aparecida Leandrini - Integrante / Francisco Striquer Soares - Coordenador / Heitor Frossard - Integrante., Financiador(es): Universidade Estadual de Londrina - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1

  • 2008 - 2010

    Perifiton em ambientes de Veredas na Região de Caldas Novas e sua resposta aos principais poluentes, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Josimeire Aparecida Leandrini - Coordenador / Sirlene Aparecida Felizberto - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa., Número de produções C, T & A: 1

  • 2006 - 2007

    Ocorrência de Fanerogamas, Briófitas e de Fungos (macromycetes) do remanescente florestal do Campus ? Faculdade Integrado de Campo Mourão - Paraná/Brasil., Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) . , Integrantes: Josimeire Aparecida Leandrini - Coordenador / Paulo Roberto Custódio de Oliveira - Integrante / Bianca Matias Pivato - Integrante / Lucas Eduardo Kunz - Integrante / Marco Aurélio Valim dos Santos - Integrante / Julio Wenceslau Macowski - Integrante / Fabíola Dorneles Inácio - Integrante., Financiador(es): Fundação Nacional de Desenvolvimento do Ensino Superior Particular - Bolsa.Número de orientações: 3

  • 2005 - 2007

    Pteridófitas e epífitas de ocorrência natural em um remanescente florestal e em uma unidade de conservação na região de Campo Mourão - Paraná/Brasil, Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Josimeire Aparecida Leandrini - Coordenador., Financiador(es): Centro Integrado de Ensino Superior Cies Pr - Auxílio financeiro.Número de orientações: 1

  • 2005 - 2006

    Plantas Medicinais de uso popular nas cidades de Campo Mourão, Janiópolis e Peabiru., Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Josimeire Aparecida Leandrini - Coordenador., Financiador(es): Centro Integrado de Ensino Superior Cies Pr - Auxílio financeiro.Número de orientações: 1

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de desenvolvimento

  • 2015 - Atual

    Agroecologia e a construção da autotomia : juventude camponesa em movimentAÇÃO no território Cantuquiriguaçu, Descrição: O Projeto Agroecologia e a construção da autonomia da juventude camponesa em movimentAÇÃO no território Cantuquiriguaçu, atende uma demanda dos movimentos sociais do campo, que em plena articulação com a Universidade Federal da Fronteira Sul, vem buscando potencializar a junção de teorias e práticas agroecológicas no Território Cantuquiriguaçu em consonância com o desenvolvimento regional em diálogos com as comunidades camponesas.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Josimeire Aparecida Leandrini - Coordenador / Pedro Ivan Christoffoli - Integrante / Cristina Sturmer dos Santos - Integrante / Gilmar Franzener - Integrante / Vitor de Moraes - Integrante / Raoni Fernandes Azeredo - Integrante / Janaine Zdebski da Silva - Integrante / Valter Israel da Silva - Integrante / Fernanda Hermes - Integrante / Izaias Amaral das Neves - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Outra.

  • 2012 - Atual

    Especialização em Produção de Leite Agroecológico, Descrição: Através da Chamada CNPq/MDA/-INCRA nº 26/2012 abriu-se a possibilidade de implementar a Especialização em Produção de Leite Agroecológico. A reforma agrária no Brasil já atinge cerca de um milhão de famílias, ou 20% das famílias que vivem no campo brasileiro, pode-se considerar como número significativo de famílias, mas alem da terra é preciso condições para se viver com dignidade nela, por isso é necessário alternativas para geração de renda, com este fim a produção de leite cumpre um papel fundamental para sua manutenção ao propiciar ingresso de renda mensal e também por formar parte essencial dos sistemas produtivos camponeses. A produção convencional de leite em pequena escala é inviável por não propiciar renda suficiente ao agricultor para remunerar os fatores de produção. Torna-se urgente a busca por novas tecnologias ou sistemas de produção, onde seja possível diminuir custos de produção, nesta linha a produção agroecológica de leite preconizada neste curso parte da utilização do sistema de Pastoreio Rotativo Racional Voisin (PRV) como um de seus elementos fundamentais. Sistemas de produção à base de pasto, em geral, são mais vantajosos. Assim, o curso de especialização e extensão em produção de leite agroecológico propiciará os conhecimentos necessários a esta prática, e irá também e adicionar outros elementos necessários à produção agroecológica de leite, nos campos da alimentação, da sanidade animal, da reprodução e melhoramento genético, do bem estar animal, além de fundamentos de metodologia científica, posibilitando um melhor desempenho nesta linha de produção. O curso visa preparar 50 especialistas em produção leiteira ecológica. Esses especialistas atuarão junto aos assentamentos para fomentar atividades sustentáveis e rentáveis de produção leiteira, que responde pela renda mensal de cerca de 70% das famílias assentadas, especialmente na região sul do Brasil. O curso prevê integração entre teoria e prática, tendo os educandos que desenvolver projetos aplicados à realidade dos assentamentos rurais, desenvolvendo ao menos um projeto prático cada educando, ao longo do curso. O projeto de criação do Curso de Especialização em Produção de Leite Agroecológico já foi analisado e teve aprovada sua execução tanto pela UFFS (decisão CONSUNI, de 26/09/2011) como pela Comissão Pedagógica Nacional do Pronera (28/10/2011).. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Especialização: (50) . , Integrantes: Josimeire Aparecida Leandrini - Coordenador / Pedro Ivan Christoffoli - Integrante / Antonio Escobar de Almeida - Integrante / Daniel Cordeiro Vieira - Integrante / Antonio Marcos de Oliveira - Integrante / Valdemar Arl - Integrante / Luiz Carlos Pinheiro Machado - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Outra.

  • 2015 - Atual

    Agroecologia e a construção da autotomia : juventude camponesa em movimentAÇÃO no território Cantuquiriguaçu, Descrição: O Projeto Agroecologia e a construção da autonomia da juventude camponesa em movimentAÇÃO no território Cantuquiriguaçu, atende uma demanda dos movimentos sociais do campo, que em plena articulação com a Universidade Federal da Fronteira Sul, vem buscando potencializar a junção de teorias e práticas agroecológicas no Território Cantuquiriguaçu em consonância com o desenvolvimento regional em diálogos com as comunidades camponesas.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Josimeire Aparecida Leandrini - Coordenador / Pedro Ivan Christoffoli - Integrante / Cristina Sturmer dos Santos - Integrante / Gilmar Franzener - Integrante / Vitor de Moraes - Integrante / Raoni Fernandes Azeredo - Integrante / Janaine Zdebski da Silva - Integrante / Valter Israel da Silva - Integrante / Fernanda Hermes - Integrante / Izaias Amaral das Neves - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Outra.

  • 2012 - Atual

    Especialização em Produção de Leite Agroecológico, Descrição: Através da Chamada CNPq/MDA/-INCRA nº 26/2012 abriu-se a possibilidade de implementar a Especialização em Produção de Leite Agroecológico. A reforma agrária no Brasil já atinge cerca de um milhão de famílias, ou 20% das famílias que vivem no campo brasileiro, pode-se considerar como número significativo de famílias, mas alem da terra é preciso condições para se viver com dignidade nela, por isso é necessário alternativas para geração de renda, com este fim a produção de leite cumpre um papel fundamental para sua manutenção ao propiciar ingresso de renda mensal e também por formar parte essencial dos sistemas produtivos camponeses. A produção convencional de leite em pequena escala é inviável por não propiciar renda suficiente ao agricultor para remunerar os fatores de produção. Torna-se urgente a busca por novas tecnologias ou sistemas de produção, onde seja possível diminuir custos de produção, nesta linha a produção agroecológica de leite preconizada neste curso parte da utilização do sistema de Pastoreio Rotativo Racional Voisin (PRV) como um de seus elementos fundamentais. Sistemas de produção à base de pasto, em geral, são mais vantajosos. Assim, o curso de especialização e extensão em produção de leite agroecológico propiciará os conhecimentos necessários a esta prática, e irá também e adicionar outros elementos necessários à produção agroecológica de leite, nos campos da alimentação, da sanidade animal, da reprodução e melhoramento genético, do bem estar animal, além de fundamentos de metodologia científica, posibilitando um melhor desempenho nesta linha de produção. O curso visa preparar 50 especialistas em produção leiteira ecológica. Esses especialistas atuarão junto aos assentamentos para fomentar atividades sustentáveis e rentáveis de produção leiteira, que responde pela renda mensal de cerca de 70% das famílias assentadas, especialmente na região sul do Brasil. O curso prevê integração entre teoria e prática, tendo os educandos que desenvolver projetos aplicados à realidade dos assentamentos rurais, desenvolvendo ao menos um projeto prático cada educando, ao longo do curso. O projeto de criação do Curso de Especialização em Produção de Leite Agroecológico já foi analisado e teve aprovada sua execução tanto pela UFFS (decisão CONSUNI, de 26/09/2011) como pela Comissão Pedagógica Nacional do Pronera (28/10/2011).. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Especialização: (50) . , Integrantes: Josimeire Aparecida Leandrini - Coordenador / Pedro Ivan Christoffoli - Integrante / Antonio Escobar de Almeida - Integrante / Daniel Cordeiro Vieira - Integrante / Antonio Marcos de Oliveira - Integrante / Valdemar Arl - Integrante / Luiz Carlos Pinheiro Machado - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Outra.

  • 2012 - Atual

    Especialização em Produção de Leite Agroecológico, Descrição: Através da Chamada CNPq/MDA/-INCRA nº 26/2012 abriu-se a possibilidade de implementar a Especialização em Produção de Leite Agroecológico. A reforma agrária no Brasil já atinge cerca de um milhão de famílias, ou 20% das famílias que vivem no campo brasileiro, pode-se considerar como número significativo de famílias, mas alem da terra é preciso condições para se viver com dignidade nela, por isso é necessário alternativas para geração de renda, com este fim a produção de leite cumpre um papel fundamental para sua manutenção ao propiciar ingresso de renda mensal e também por formar parte essencial dos sistemas produtivos camponeses. A produção convencional de leite em pequena escala é inviável por não propiciar renda suficiente ao agricultor para remunerar os fatores de produção. Torna-se urgente a busca por novas tecnologias ou sistemas de produção, onde seja possível diminuir custos de produção, nesta linha a produção agroecológica de leite preconizada neste curso parte da utilização do sistema de Pastoreio Rotativo Racional Voisin (PRV) como um de seus elementos fundamentais. Sistemas de produção à base de pasto, em geral, são mais vantajosos. Assim, o curso de especialização e extensão em produção de leite agroecológico propiciará os conhecimentos necessários a esta prática, e irá também e adicionar outros elementos necessários à produção agroecológica de leite, nos campos da alimentação, da sanidade animal, da reprodução e melhoramento genético, do bem estar animal, além de fundamentos de metodologia científica, posibilitando um melhor desempenho nesta linha de produção. O curso visa preparar 50 especialistas em produção leiteira ecológica. Esses especialistas atuarão junto aos assentamentos para fomentar atividades sustentáveis e rentáveis de produção leiteira, que responde pela renda mensal de cerca de 70% das famílias assentadas, especialmente na região sul do Brasil. O curso prevê integração entre teoria e prática, tendo os educandos que desenvolver projetos aplicados à realidade dos assentamentos rurais, desenvolvendo ao menos um projeto prático cada educando, ao longo do curso. O projeto de criação do Curso de Especialização em Produção de Leite Agroecológico já foi analisado e teve aprovada sua execução tanto pela UFFS (decisão CONSUNI, de 26/09/2011) como pela Comissão Pedagógica Nacional do Pronera (28/10/2011).. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Especialização: (50) . , Integrantes: Josimeire Aparecida Leandrini - Coordenador / Pedro Ivan Christoffoli - Integrante / Antonio Escobar de Almeida - Integrante / Daniel Cordeiro Vieira - Integrante / Antonio Marcos de Oliveira - Integrante / Valdemar Arl - Integrante / Luiz Carlos Pinheiro Machado - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Outra.

  • 2012 - 2015

    Especialização em Produção de Leite Agroecológico, Descrição: Através da Chamada CNPq/MDA/-INCRA nº 26/2012 abriu-se a possibilidade de implementar a Especialização em Produção de Leite Agroecológico. A reforma agrária no Brasil já atinge cerca de um milhão de famílias, ou 20% das famílias que vivem no campo brasileiro, pode-se considerar como número significativo de famílias, mas alem da terra é preciso condições para se viver com dignidade nela, por isso é necessário alternativas para geração de renda, com este fim a produção de leite cumpre um papel fundamental para sua manutenção ao propiciar ingresso de renda mensal e também por formar parte essencial dos sistemas produtivos camponeses. A produção convencional de leite em pequena escala é inviável por não propiciar renda suficiente ao agricultor para remunerar os fatores de produção. Torna-se urgente a busca por novas tecnologias ou sistemas de produção, onde seja possível diminuir custos de produção, nesta linha a produção agroecológica de leite preconizada neste curso parte da utilização do sistema de Pastoreio Rotativo Racional Voisin (PRV) como um de seus elementos fundamentais. Sistemas de produção à base de pasto, em geral, são mais vantajosos. Assim, o curso de especialização e extensão em produção de leite agroecológico propiciará os conhecimentos necessários a esta prática, e irá também e adicionar outros elementos necessários à produção agroecológica de leite, nos campos da alimentação, da sanidade animal, da reprodução e melhoramento genético, do bem estar animal, além de fundamentos de metodologia científica, posibilitando um melhor desempenho nesta linha de produção. O curso visa preparar 50 especialistas em produção leiteira ecológica. Esses especialistas atuarão junto aos assentamentos para fomentar atividades sustentáveis e rentáveis de produção leiteira, que responde pela renda mensal de cerca de 70% das famílias assentadas, especialmente na região sul do Brasil. O curso prevê integração entre teoria e prática, tendo os educandos que desenvolver projetos aplicados à realidade dos assentamentos rurais, desenvolvendo ao menos um projeto prático cada educando, ao longo do curso. O projeto de criação do Curso de Especialização em Produção de Leite Agroecológico já foi analisado e teve aprovada sua execução tanto pela UFFS (decisão CONSUNI, de 26/09/2011) como pela Comissão Pedagógica Nacional do Pronera (28/10/2011).. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Especialização: (50) . , Integrantes: Josimeire Aparecida Leandrini - Coordenador / Pedro Ivan Christoffoli - Integrante / Antonio Escobar de Almeida - Integrante / Daniel Cordeiro Vieira - Integrante / Antonio Marcos de Oliveira - Integrante / Valdemar Arl - Integrante / Luiz Carlos Pinheiro Machado - Integrante / Aline Callegari Silva - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Outra.

  • 2012 - 2015

    Especialização em Produção de Leite Agroecológico, Descrição: Através da Chamada CNPq/MDA/-INCRA nº 26/2012 abriu-se a possibilidade de implementar a Especialização em Produção de Leite Agroecológico. A reforma agrária no Brasil já atinge cerca de um milhão de famílias, ou 20% das famílias que vivem no campo brasileiro, pode-se considerar como número significativo de famílias, mas alem da terra é preciso condições para se viver com dignidade nela, por isso é necessário alternativas para geração de renda, com este fim a produção de leite cumpre um papel fundamental para sua manutenção ao propiciar ingresso de renda mensal e também por formar parte essencial dos sistemas produtivos camponeses. A produção convencional de leite em pequena escala é inviável por não propiciar renda suficiente ao agricultor para remunerar os fatores de produção. Torna-se urgente a busca por novas tecnologias ou sistemas de produção, onde seja possível diminuir custos de produção, nesta linha a produção agroecológica de leite preconizada neste curso parte da utilização do sistema de Pastoreio Rotativo Racional Voisin (PRV) como um de seus elementos fundamentais. Sistemas de produção à base de pasto, em geral, são mais vantajosos. Assim, o curso de especialização e extensão em produção de leite agroecológico propiciará os conhecimentos necessários a esta prática, e irá também e adicionar outros elementos necessários à produção agroecológica de leite, nos campos da alimentação, da sanidade animal, da reprodução e melhoramento genético, do bem estar animal, além de fundamentos de metodologia científica, posibilitando um melhor desempenho nesta linha de produção. O curso visa preparar 50 especialistas em produção leiteira ecológica. Esses especialistas atuarão junto aos assentamentos para fomentar atividades sustentáveis e rentáveis de produção leiteira, que responde pela renda mensal de cerca de 70% das famílias assentadas, especialmente na região sul do Brasil. O curso prevê integração entre teoria e prática, tendo os educandos que desenvolver projetos aplicados à realidade dos assentamentos rurais, desenvolvendo ao menos um projeto prático cada educando, ao longo do curso. O projeto de criação do Curso de Especialização em Produção de Leite Agroecológico já foi analisado e teve aprovada sua execução tanto pela UFFS (decisão CONSUNI, de 26/09/2011) como pela Comissão Pedagógica Nacional do Pronera (28/10/2011).. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Especialização: (50) . , Integrantes: Josimeire Aparecida Leandrini - Coordenador / Pedro Ivan Christoffoli - Integrante / Antonio Escobar de Almeida - Integrante / Daniel Cordeiro Vieira - Integrante / Antonio Marcos de Oliveira - Integrante / Valdemar Arl - Integrante / Luiz Carlos Pinheiro Machado - Integrante / Aline Callegari Silva - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Outra.

  • 2012 - 2015

    Especialização em Produção de Leite Agroecológico, Descrição: Através da Chamada CNPq/MDA/-INCRA nº 26/2012 abriu-se a possibilidade de implementar a Especialização em Produção de Leite Agroecológico. A reforma agrária no Brasil já atinge cerca de um milhão de famílias, ou 20% das famílias que vivem no campo brasileiro, pode-se considerar como número significativo de famílias, mas alem da terra é preciso condições para se viver com dignidade nela, por isso é necessário alternativas para geração de renda, com este fim a produção de leite cumpre um papel fundamental para sua manutenção ao propiciar ingresso de renda mensal e também por formar parte essencial dos sistemas produtivos camponeses. A produção convencional de leite em pequena escala é inviável por não propiciar renda suficiente ao agricultor para remunerar os fatores de produção. Torna-se urgente a busca por novas tecnologias ou sistemas de produção, onde seja possível diminuir custos de produção, nesta linha a produção agroecológica de leite preconizada neste curso parte da utilização do sistema de Pastoreio Rotativo Racional Voisin (PRV) como um de seus elementos fundamentais. Sistemas de produção à base de pasto, em geral, são mais vantajosos. Assim, o curso de especialização e extensão em produção de leite agroecológico propiciará os conhecimentos necessários a esta prática, e irá também e adicionar outros elementos necessários à produção agroecológica de leite, nos campos da alimentação, da sanidade animal, da reprodução e melhoramento genético, do bem estar animal, além de fundamentos de metodologia científica, posibilitando um melhor desempenho nesta linha de produção. O curso visa preparar 50 especialistas em produção leiteira ecológica. Esses especialistas atuarão junto aos assentamentos para fomentar atividades sustentáveis e rentáveis de produção leiteira, que responde pela renda mensal de cerca de 70% das famílias assentadas, especialmente na região sul do Brasil. O curso prevê integração entre teoria e prática, tendo os educandos que desenvolver projetos aplicados à realidade dos assentamentos rurais, desenvolvendo ao menos um projeto prático cada educando, ao longo do curso. O projeto de criação do Curso de Especialização em Produção de Leite Agroecológico já foi analisado e teve aprovada sua execução tanto pela UFFS (decisão CONSUNI, de 26/09/2011) como pela Comissão Pedagógica Nacional do Pronera (28/10/2011).. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Especialização: (50) . , Integrantes: Josimeire Aparecida Leandrini - Coordenador / Pedro Ivan Christoffoli - Integrante / Antonio Escobar de Almeida - Integrante / Daniel Cordeiro Vieira - Integrante / Antonio Marcos de Oliveira - Integrante / Valdemar Arl - Integrante / Luiz Carlos Pinheiro Machado - Integrante / Aline Callegari Silva - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Outra.

  • 2012 - 2015

    Especialização em Produção de Leite Agroecológico, Descrição: Através da Chamada CNPq/MDA/-INCRA nº 26/2012 abriu-se a possibilidade de implementar a Especialização em Produção de Leite Agroecológico. A reforma agrária no Brasil já atinge cerca de um milhão de famílias, ou 20% das famílias que vivem no campo brasileiro, pode-se considerar como número significativo de famílias, mas alem da terra é preciso condições para se viver com dignidade nela, por isso é necessário alternativas para geração de renda, com este fim a produção de leite cumpre um papel fundamental para sua manutenção ao propiciar ingresso de renda mensal e também por formar parte essencial dos sistemas produtivos camponeses. A produção convencional de leite em pequena escala é inviável por não propiciar renda suficiente ao agricultor para remunerar os fatores de produção. Torna-se urgente a busca por novas tecnologias ou sistemas de produção, onde seja possível diminuir custos de produção, nesta linha a produção agroecológica de leite preconizada neste curso parte da utilização do sistema de Pastoreio Rotativo Racional Voisin (PRV) como um de seus elementos fundamentais. Sistemas de produção à base de pasto, em geral, são mais vantajosos. Assim, o curso de especialização e extensão em produção de leite agroecológico propiciará os conhecimentos necessários a esta prática, e irá também e adicionar outros elementos necessários à produção agroecológica de leite, nos campos da alimentação, da sanidade animal, da reprodução e melhoramento genético, do bem estar animal, além de fundamentos de metodologia científica, posibilitando um melhor desempenho nesta linha de produção. O curso visa preparar 50 especialistas em produção leiteira ecológica. Esses especialistas atuarão junto aos assentamentos para fomentar atividades sustentáveis e rentáveis de produção leiteira, que responde pela renda mensal de cerca de 70% das famílias assentadas, especialmente na região sul do Brasil. O curso prevê integração entre teoria e prática, tendo os educandos que desenvolver projetos aplicados à realidade dos assentamentos rurais, desenvolvendo ao menos um projeto prático cada educando, ao longo do curso. O projeto de criação do Curso de Especialização em Produção de Leite Agroecológico já foi analisado e teve aprovada sua execução tanto pela UFFS (decisão CONSUNI, de 26/09/2011) como pela Comissão Pedagógica Nacional do Pronera (28/10/2011).. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Especialização: (50) . , Integrantes: Josimeire Aparecida Leandrini - Coordenador / Pedro Ivan Christoffoli - Integrante / Antonio Escobar de Almeida - Integrante / Daniel Cordeiro Vieira - Integrante / Antonio Marcos de Oliveira - Integrante / Valdemar Arl - Integrante / Luiz Carlos Pinheiro Machado - Integrante / Aline Callegari Silva - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Outra., Número de produções C, T & A: 4

  • 2012 - 2015

    Especialização em Produção de Leite Agroecológico, Descrição: Através da Chamada CNPq/MDA/-INCRA nº 26/2012 abriu-se a possibilidade de implementar a Especialização em Produção de Leite Agroecológico. A reforma agrária no Brasil já atinge cerca de um milhão de famílias, ou 20% das famílias que vivem no campo brasileiro, pode-se considerar como número significativo de famílias, mas alem da terra é preciso condições para se viver com dignidade nela, por isso é necessário alternativas para geração de renda, com este fim a produção de leite cumpre um papel fundamental para sua manutenção ao propiciar ingresso de renda mensal e também por formar parte essencial dos sistemas produtivos camponeses. A produção convencional de leite em pequena escala é inviável por não propiciar renda suficiente ao agricultor para remunerar os fatores de produção. Torna-se urgente a busca por novas tecnologias ou sistemas de produção, onde seja possível diminuir custos de produção, nesta linha a produção agroecológica de leite preconizada neste curso parte da utilização do sistema de Pastoreio Rotativo Racional Voisin (PRV) como um de seus elementos fundamentais. Sistemas de produção à base de pasto, em geral, são mais vantajosos. Assim, o curso de especialização e extensão em produção de leite agroecológico propiciará os conhecimentos necessários a esta prática, e irá também e adicionar outros elementos necessários à produção agroecológica de leite, nos campos da alimentação, da sanidade animal, da reprodução e melhoramento genético, do bem estar animal, além de fundamentos de metodologia científica, posibilitando um melhor desempenho nesta linha de produção. O curso visa preparar 50 especialistas em produção leiteira ecológica. Esses especialistas atuarão junto aos assentamentos para fomentar atividades sustentáveis e rentáveis de produção leiteira, que responde pela renda mensal de cerca de 70% das famílias assentadas, especialmente na região sul do Brasil. O curso prevê integração entre teoria e prática, tendo os educandos que desenvolver projetos aplicados à realidade dos assentamentos rurais, desenvolvendo ao menos um projeto prático cada educando, ao longo do curso. O projeto de criação do Curso de Especialização em Produção de Leite Agroecológico já foi analisado e teve aprovada sua execução tanto pela UFFS (decisão CONSUNI, de 26/09/2011) como pela Comissão Pedagógica Nacional do Pronera (28/10/2011).. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Especialização: (50) . , Integrantes: Josimeire Aparecida Leandrini - Coordenador / Pedro Ivan Christoffoli - Integrante / Antonio Escobar de Almeida - Integrante / Daniel Cordeiro Vieira - Integrante / Antonio Marcos de Oliveira - Integrante / Valdemar Arl - Integrante / Luiz Carlos Pinheiro Machado - Integrante / Aline Callegari Silva - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Outra., Número de produções C, T & A: 4

  • 2012 - 2015

    Especialização em Produção de Leite Agroecológico, Descrição: Através da Chamada CNPq/MDA/-INCRA nº 26/2012 abriu-se a possibilidade de implementar a Especialização em Produção de Leite Agroecológico. A reforma agrária no Brasil já atinge cerca de um milhão de famílias, ou 20% das famílias que vivem no campo brasileiro, pode-se considerar como número significativo de famílias, mas alem da terra é preciso condições para se viver com dignidade nela, por isso é necessário alternativas para geração de renda, com este fim a produção de leite cumpre um papel fundamental para sua manutenção ao propiciar ingresso de renda mensal e também por formar parte essencial dos sistemas produtivos camponeses. A produção convencional de leite em pequena escala é inviável por não propiciar renda suficiente ao agricultor para remunerar os fatores de produção. Torna-se urgente a busca por novas tecnologias ou sistemas de produção, onde seja possível diminuir custos de produção, nesta linha a produção agroecológica de leite preconizada neste curso parte da utilização do sistema de Pastoreio Rotativo Racional Voisin (PRV) como um de seus elementos fundamentais. Sistemas de produção à base de pasto, em geral, são mais vantajosos. Assim, o curso de especialização e extensão em produção de leite agroecológico propiciará os conhecimentos necessários a esta prática, e irá também e adicionar outros elementos necessários à produção agroecológica de leite, nos campos da alimentação, da sanidade animal, da reprodução e melhoramento genético, do bem estar animal, além de fundamentos de metodologia científica, posibilitando um melhor desempenho nesta linha de produção. O curso visa preparar 50 especialistas em produção leiteira ecológica. Esses especialistas atuarão junto aos assentamentos para fomentar atividades sustentáveis e rentáveis de produção leiteira, que responde pela renda mensal de cerca de 70% das famílias assentadas, especialmente na região sul do Brasil. O curso prevê integração entre teoria e prática, tendo os educandos que desenvolver projetos aplicados à realidade dos assentamentos rurais, desenvolvendo ao menos um projeto prático cada educando, ao longo do curso. O projeto de criação do Curso de Especialização em Produção de Leite Agroecológico já foi analisado e teve aprovada sua execução tanto pela UFFS (decisão CONSUNI, de 26/09/2011) como pela Comissão Pedagógica Nacional do Pronera (28/10/2011).. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Especialização: (50) . , Integrantes: Josimeire Aparecida Leandrini - Coordenador / Pedro Ivan Christoffoli - Integrante / Antonio Escobar de Almeida - Integrante / Daniel Cordeiro Vieira - Integrante / Antonio Marcos de Oliveira - Integrante / Valdemar Arl - Integrante / Luiz Carlos Pinheiro Machado - Integrante / Aline Callegari Silva - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Outra., Número de produções C, T & A: 4

  • 2012 - 2015

    Especialização em Produção de Leite Agroecológico, Descrição: Através da Chamada CNPq/MDA/-INCRA nº 26/2012 abriu-se a possibilidade de implementar a Especialização em Produção de Leite Agroecológico. A reforma agrária no Brasil já atinge cerca de um milhão de famílias, ou 20% das famílias que vivem no campo brasileiro, pode-se considerar como número significativo de famílias, mas alem da terra é preciso condições para se viver com dignidade nela, por isso é necessário alternativas para geração de renda, com este fim a produção de leite cumpre um papel fundamental para sua manutenção ao propiciar ingresso de renda mensal e também por formar parte essencial dos sistemas produtivos camponeses. A produção convencional de leite em pequena escala é inviável por não propiciar renda suficiente ao agricultor para remunerar os fatores de produção. Torna-se urgente a busca por novas tecnologias ou sistemas de produção, onde seja possível diminuir custos de produção, nesta linha a produção agroecológica de leite preconizada neste curso parte da utilização do sistema de Pastoreio Rotativo Racional Voisin (PRV) como um de seus elementos fundamentais. Sistemas de produção à base de pasto, em geral, são mais vantajosos. Assim, o curso de especialização e extensão em produção de leite agroecológico propiciará os conhecimentos necessários a esta prática, e irá também e adicionar outros elementos necessários à produção agroecológica de leite, nos campos da alimentação, da sanidade animal, da reprodução e melhoramento genético, do bem estar animal, além de fundamentos de metodologia científica, posibilitando um melhor desempenho nesta linha de produção. O curso visa preparar 50 especialistas em produção leiteira ecológica. Esses especialistas atuarão junto aos assentamentos para fomentar atividades sustentáveis e rentáveis de produção leiteira, que responde pela renda mensal de cerca de 70% das famílias assentadas, especialmente na região sul do Brasil. O curso prevê integração entre teoria e prática, tendo os educandos que desenvolver projetos aplicados à realidade dos assentamentos rurais, desenvolvendo ao menos um projeto prático cada educando, ao longo do curso. O projeto de criação do Curso de Especialização em Produção de Leite Agroecológico já foi analisado e teve aprovada sua execução tanto pela UFFS (decisão CONSUNI, de 26/09/2011) como pela Comissão Pedagógica Nacional do Pronera (28/10/2011).. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Especialização: (50) . , Integrantes: Josimeire Aparecida Leandrini - Coordenador / Pedro Ivan Christoffoli - Integrante / Antonio Escobar de Almeida - Integrante / Daniel Cordeiro Vieira - Integrante / Antonio Marcos de Oliveira - Integrante / Valdemar Arl - Integrante / Luiz Carlos Pinheiro Machado - Integrante / Aline Callegari Silva - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Outra., Número de produções C, T & A: 4

  • 2012 - 2015

    Especialização em Produção de Leite Agroecológico, Descrição: Através da Chamada CNPq/MDA/-INCRA nº 26/2012 abriu-se a possibilidade de implementar a Especialização em Produção de Leite Agroecológico. A reforma agrária no Brasil já atinge cerca de um milhão de famílias, ou 20% das famílias que vivem no campo brasileiro, pode-se considerar como número significativo de famílias, mas alem da terra é preciso condições para se viver com dignidade nela, por isso é necessário alternativas para geração de renda, com este fim a produção de leite cumpre um papel fundamental para sua manutenção ao propiciar ingresso de renda mensal e também por formar parte essencial dos sistemas produtivos camponeses. A produção convencional de leite em pequena escala é inviável por não propiciar renda suficiente ao agricultor para remunerar os fatores de produção. Torna-se urgente a busca por novas tecnologias ou sistemas de produção, onde seja possível diminuir custos de produção, nesta linha a produção agroecológica de leite preconizada neste curso parte da utilização do sistema de Pastoreio Rotativo Racional Voisin (PRV) como um de seus elementos fundamentais. Sistemas de produção à base de pasto, em geral, são mais vantajosos. Assim, o curso de especialização e extensão em produção de leite agroecológico propiciará os conhecimentos necessários a esta prática, e irá também e adicionar outros elementos necessários à produção agroecológica de leite, nos campos da alimentação, da sanidade animal, da reprodução e melhoramento genético, do bem estar animal, além de fundamentos de metodologia científica, posibilitando um melhor desempenho nesta linha de produção. O curso visa preparar 50 especialistas em produção leiteira ecológica. Esses especialistas atuarão junto aos assentamentos para fomentar atividades sustentáveis e rentáveis de produção leiteira, que responde pela renda mensal de cerca de 70% das famílias assentadas, especialmente na região sul do Brasil. O curso prevê integração entre teoria e prática, tendo os educandos que desenvolver projetos aplicados à realidade dos assentamentos rurais, desenvolvendo ao menos um projeto prático cada educando, ao longo do curso. O projeto de criação do Curso de Especialização em Produção de Leite Agroecológico já foi analisado e teve aprovada sua execução tanto pela UFFS (decisão CONSUNI, de 26/09/2011) como pela Comissão Pedagógica Nacional do Pronera (28/10/2011).. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Especialização: (50) . , Integrantes: Josimeire Aparecida Leandrini - Coordenador / Pedro Ivan Christoffoli - Integrante / Antonio Escobar de Almeida - Integrante / Daniel Cordeiro Vieira - Integrante / Antonio Marcos de Oliveira - Integrante / Valdemar Arl - Integrante / Luiz Carlos Pinheiro Machado - Integrante / Aline Callegari Silva - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Outra., Número de produções C, T & A: 4

  • 2012 - 2015

    Especialização em Produção de Leite Agroecológico, Descrição: Através da Chamada CNPq/MDA/-INCRA nº 26/2012 abriu-se a possibilidade de implementar a Especialização em Produção de Leite Agroecológico. A reforma agrária no Brasil já atinge cerca de um milhão de famílias, ou 20% das famílias que vivem no campo brasileiro, pode-se considerar como número significativo de famílias, mas alem da terra é preciso condições para se viver com dignidade nela, por isso é necessário alternativas para geração de renda, com este fim a produção de leite cumpre um papel fundamental para sua manutenção ao propiciar ingresso de renda mensal e também por formar parte essencial dos sistemas produtivos camponeses. A produção convencional de leite em pequena escala é inviável por não propiciar renda suficiente ao agricultor para remunerar os fatores de produção. Torna-se urgente a busca por novas tecnologias ou sistemas de produção, onde seja possível diminuir custos de produção, nesta linha a produção agroecológica de leite preconizada neste curso parte da utilização do sistema de Pastoreio Rotativo Racional Voisin (PRV) como um de seus elementos fundamentais. Sistemas de produção à base de pasto, em geral, são mais vantajosos. Assim, o curso de especialização e extensão em produção de leite agroecológico propiciará os conhecimentos necessários a esta prática, e irá também e adicionar outros elementos necessários à produção agroecológica de leite, nos campos da alimentação, da sanidade animal, da reprodução e melhoramento genético, do bem estar animal, além de fundamentos de metodologia científica, posibilitando um melhor desempenho nesta linha de produção. O curso visa preparar 50 especialistas em produção leiteira ecológica. Esses especialistas atuarão junto aos assentamentos para fomentar atividades sustentáveis e rentáveis de produção leiteira, que responde pela renda mensal de cerca de 70% das famílias assentadas, especialmente na região sul do Brasil. O curso prevê integração entre teoria e prática, tendo os educandos que desenvolver projetos aplicados à realidade dos assentamentos rurais, desenvolvendo ao menos um projeto prático cada educando, ao longo do curso. O projeto de criação do Curso de Especialização em Produção de Leite Agroecológico já foi analisado e teve aprovada sua execução tanto pela UFFS (decisão CONSUNI, de 26/09/2011) como pela Comissão Pedagógica Nacional do Pronera (28/10/2011).. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Especialização: (50) . , Integrantes: Josimeire Aparecida Leandrini - Coordenador / Pedro Ivan Christoffoli - Integrante / Antonio Escobar de Almeida - Integrante / Daniel Cordeiro Vieira - Integrante / Antonio Marcos de Oliveira - Integrante / Valdemar Arl - Integrante / Luiz Carlos Pinheiro Machado - Integrante / Aline Callegari Silva - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Outra., Número de produções C, T & A: 4

  • 2012 - 2015

    Especialização em Produção de Leite Agroecológico, Descrição: Através da Chamada CNPq/MDA/-INCRA nº 26/2012 abriu-se a possibilidade de implementar a Especialização em Produção de Leite Agroecológico. A reforma agrária no Brasil já atinge cerca de um milhão de famílias, ou 20% das famílias que vivem no campo brasileiro, pode-se considerar como número significativo de famílias, mas alem da terra é preciso condições para se viver com dignidade nela, por isso é necessário alternativas para geração de renda, com este fim a produção de leite cumpre um papel fundamental para sua manutenção ao propiciar ingresso de renda mensal e também por formar parte essencial dos sistemas produtivos camponeses. A produção convencional de leite em pequena escala é inviável por não propiciar renda suficiente ao agricultor para remunerar os fatores de produção. Torna-se urgente a busca por novas tecnologias ou sistemas de produção, onde seja possível diminuir custos de produção, nesta linha a produção agroecológica de leite preconizada neste curso parte da utilização do sistema de Pastoreio Rotativo Racional Voisin (PRV) como um de seus elementos fundamentais. Sistemas de produção à base de pasto, em geral, são mais vantajosos. Assim, o curso de especialização e extensão em produção de leite agroecológico propiciará os conhecimentos necessários a esta prática, e irá também e adicionar outros elementos necessários à produção agroecológica de leite, nos campos da alimentação, da sanidade animal, da reprodução e melhoramento genético, do bem estar animal, além de fundamentos de metodologia científica, posibilitando um melhor desempenho nesta linha de produção. O curso visa preparar 50 especialistas em produção leiteira ecológica. Esses especialistas atuarão junto aos assentamentos para fomentar atividades sustentáveis e rentáveis de produção leiteira, que responde pela renda mensal de cerca de 70% das famílias assentadas, especialmente na região sul do Brasil. O curso prevê integração entre teoria e prática, tendo os educandos que desenvolver projetos aplicados à realidade dos assentamentos rurais, desenvolvendo ao menos um projeto prático cada educando, ao longo do curso. O projeto de criação do Curso de Especialização em Produção de Leite Agroecológico já foi analisado e teve aprovada sua execução tanto pela UFFS (decisão CONSUNI, de 26/09/2011) como pela Comissão Pedagógica Nacional do Pronera (28/10/2011).. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Especialização: (50) . , Integrantes: Josimeire Aparecida Leandrini - Coordenador / Pedro Ivan Christoffoli - Integrante / Antonio Escobar de Almeida - Integrante / Daniel Cordeiro Vieira - Integrante / Antonio Marcos de Oliveira - Integrante / Valdemar Arl - Integrante / Luiz Carlos Pinheiro Machado - Integrante / Aline Callegari Silva - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Outra., Número de produções C, T & A: 4

  • 2012 - 2015

    Especialização em Produção de Leite Agroecológico, Descrição: Através da Chamada CNPq/MDA/-INCRA nº 26/2012 abriu-se a possibilidade de implementar a Especialização em Produção de Leite Agroecológico. A reforma agrária no Brasil já atinge cerca de um milhão de famílias, ou 20% das famílias que vivem no campo brasileiro, pode-se considerar como número significativo de famílias, mas alem da terra é preciso condições para se viver com dignidade nela, por isso é necessário alternativas para geração de renda, com este fim a produção de leite cumpre um papel fundamental para sua manutenção ao propiciar ingresso de renda mensal e também por formar parte essencial dos sistemas produtivos camponeses. A produção convencional de leite em pequena escala é inviável por não propiciar renda suficiente ao agricultor para remunerar os fatores de produção. Torna-se urgente a busca por novas tecnologias ou sistemas de produção, onde seja possível diminuir custos de produção, nesta linha a produção agroecológica de leite preconizada neste curso parte da utilização do sistema de Pastoreio Rotativo Racional Voisin (PRV) como um de seus elementos fundamentais. Sistemas de produção à base de pasto, em geral, são mais vantajosos. Assim, o curso de especialização e extensão em produção de leite agroecológico propiciará os conhecimentos necessários a esta prática, e irá também e adicionar outros elementos necessários à produção agroecológica de leite, nos campos da alimentação, da sanidade animal, da reprodução e melhoramento genético, do bem estar animal, além de fundamentos de metodologia científica, posibilitando um melhor desempenho nesta linha de produção. O curso visa preparar 50 especialistas em produção leiteira ecológica. Esses especialistas atuarão junto aos assentamentos para fomentar atividades sustentáveis e rentáveis de produção leiteira, que responde pela renda mensal de cerca de 70% das famílias assentadas, especialmente na região sul do Brasil. O curso prevê integração entre teoria e prática, tendo os educandos que desenvolver projetos aplicados à realidade dos assentamentos rurais, desenvolvendo ao menos um projeto prático cada educando, ao longo do curso. O projeto de criação do Curso de Especialização em Produção de Leite Agroecológico já foi analisado e teve aprovada sua execução tanto pela UFFS (decisão CONSUNI, de 26/09/2011) como pela Comissão Pedagógica Nacional do Pronera (28/10/2011).. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Especialização: (50) . , Integrantes: Josimeire Aparecida Leandrini - Coordenador / Pedro Ivan Christoffoli - Integrante / Antonio Escobar de Almeida - Integrante / Daniel Cordeiro Vieira - Integrante / Antonio Marcos de Oliveira - Integrante / Valdemar Arl - Integrante / Luiz Carlos Pinheiro Machado - Integrante / Aline Callegari Silva - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Outra., Número de produções C, T & A: 4

  • 2012 - 2015

    Especialização em Produção de Leite Agroecológico, Descrição: Através da Chamada CNPq/MDA/-INCRA nº 26/2012 abriu-se a possibilidade de implementar a Especialização em Produção de Leite Agroecológico. A reforma agrária no Brasil já atinge cerca de um milhão de famílias, ou 20% das famílias que vivem no campo brasileiro, pode-se considerar como número significativo de famílias, mas alem da terra é preciso condições para se viver com dignidade nela, por isso é necessário alternativas para geração de renda, com este fim a produção de leite cumpre um papel fundamental para sua manutenção ao propiciar ingresso de renda mensal e também por formar parte essencial dos sistemas produtivos camponeses. A produção convencional de leite em pequena escala é inviável por não propiciar renda suficiente ao agricultor para remunerar os fatores de produção. Torna-se urgente a busca por novas tecnologias ou sistemas de produção, onde seja possível diminuir custos de produção, nesta linha a produção agroecológica de leite preconizada neste curso parte da utilização do sistema de Pastoreio Rotativo Racional Voisin (PRV) como um de seus elementos fundamentais. Sistemas de produção à base de pasto, em geral, são mais vantajosos. Assim, o curso de especialização e extensão em produção de leite agroecológico propiciará os conhecimentos necessários a esta prática, e irá também e adicionar outros elementos necessários à produção agroecológica de leite, nos campos da alimentação, da sanidade animal, da reprodução e melhoramento genético, do bem estar animal, além de fundamentos de metodologia científica, posibilitando um melhor desempenho nesta linha de produção. O curso visa preparar 50 especialistas em produção leiteira ecológica. Esses especialistas atuarão junto aos assentamentos para fomentar atividades sustentáveis e rentáveis de produção leiteira, que responde pela renda mensal de cerca de 70% das famílias assentadas, especialmente na região sul do Brasil. O curso prevê integração entre teoria e prática, tendo os educandos que desenvolver projetos aplicados à realidade dos assentamentos rurais, desenvolvendo ao menos um projeto prático cada educando, ao longo do curso. O projeto de criação do Curso de Especialização em Produção de Leite Agroecológico já foi analisado e teve aprovada sua execução tanto pela UFFS (decisão CONSUNI, de 26/09/2011) como pela Comissão Pedagógica Nacional do Pronera (28/10/2011).. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Especialização: (50) . , Integrantes: Josimeire Aparecida Leandrini - Coordenador / Pedro Ivan Christoffoli - Integrante / Antonio Escobar de Almeida - Integrante / Daniel Cordeiro Vieira - Integrante / Antonio Marcos de Oliveira - Integrante / Valdemar Arl - Integrante / Luiz Carlos Pinheiro Machado - Integrante / Aline Callegari Silva - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Outra., Número de produções C, T & A: 4

  • 2012 - 2015

    Especialização em Produção de Leite Agroecológico, Descrição: Através da Chamada CNPq/MDA/-INCRA nº 26/2012 abriu-se a possibilidade de implementar a Especialização em Produção de Leite Agroecológico. A reforma agrária no Brasil já atinge cerca de um milhão de famílias, ou 20% das famílias que vivem no campo brasileiro, pode-se considerar como número significativo de famílias, mas alem da terra é preciso condições para se viver com dignidade nela, por isso é necessário alternativas para geração de renda, com este fim a produção de leite cumpre um papel fundamental para sua manutenção ao propiciar ingresso de renda mensal e também por formar parte essencial dos sistemas produtivos camponeses. A produção convencional de leite em pequena escala é inviável por não propiciar renda suficiente ao agricultor para remunerar os fatores de produção. Torna-se urgente a busca por novas tecnologias ou sistemas de produção, onde seja possível diminuir custos de produção, nesta linha a produção agroecológica de leite preconizada neste curso parte da utilização do sistema de Pastoreio Rotativo Racional Voisin (PRV) como um de seus elementos fundamentais. Sistemas de produção à base de pasto, em geral, são mais vantajosos. Assim, o curso de especialização e extensão em produção de leite agroecológico propiciará os conhecimentos necessários a esta prática, e irá também e adicionar outros elementos necessários à produção agroecológica de leite, nos campos da alimentação, da sanidade animal, da reprodução e melhoramento genético, do bem estar animal, além de fundamentos de metodologia científica, posibilitando um melhor desempenho nesta linha de produção. O curso visa preparar 50 especialistas em produção leiteira ecológica. Esses especialistas atuarão junto aos assentamentos para fomentar atividades sustentáveis e rentáveis de produção leiteira, que responde pela renda mensal de cerca de 70% das famílias assentadas, especialmente na região sul do Brasil. O curso prevê integração entre teoria e prática, tendo os educandos que desenvolver projetos aplicados à realidade dos assentamentos rurais, desenvolvendo ao menos um projeto prático cada educando, ao longo do curso. O projeto de criação do Curso de Especialização em Produção de Leite Agroecológico já foi analisado e teve aprovada sua execução tanto pela UFFS (decisão CONSUNI, de 26/09/2011) como pela Comissão Pedagógica Nacional do Pronera (28/10/2011).. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Especialização: (50) . , Integrantes: Josimeire Aparecida Leandrini - Coordenador / Pedro Ivan Christoffoli - Integrante / Antonio Escobar de Almeida - Integrante / Daniel Cordeiro Vieira - Integrante / Antonio Marcos de Oliveira - Integrante / Valdemar Arl - Integrante / Luiz Carlos Pinheiro Machado - Integrante / Aline Callegari Silva - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Outra., Número de produções C, T & A: 4

  • 2012 - 2015

    Especialização em Produção de Leite Agroecológico, Descrição: Através da Chamada CNPq/MDA/-INCRA nº 26/2012 abriu-se a possibilidade de implementar a Especialização em Produção de Leite Agroecológico. A reforma agrária no Brasil já atinge cerca de um milhão de famílias, ou 20% das famílias que vivem no campo brasileiro, pode-se considerar como número significativo de famílias, mas alem da terra é preciso condições para se viver com dignidade nela, por isso é necessário alternativas para geração de renda, com este fim a produção de leite cumpre um papel fundamental para sua manutenção ao propiciar ingresso de renda mensal e também por formar parte essencial dos sistemas produtivos camponeses. A produção convencional de leite em pequena escala é inviável por não propiciar renda suficiente ao agricultor para remunerar os fatores de produção. Torna-se urgente a busca por novas tecnologias ou sistemas de produção, onde seja possível diminuir custos de produção, nesta linha a produção agroecológica de leite preconizada neste curso parte da utilização do sistema de Pastoreio Rotativo Racional Voisin (PRV) como um de seus elementos fundamentais. Sistemas de produção à base de pasto, em geral, são mais vantajosos. Assim, o curso de especialização e extensão em produção de leite agroecológico propiciará os conhecimentos necessários a esta prática, e irá também e adicionar outros elementos necessários à produção agroecológica de leite, nos campos da alimentação, da sanidade animal, da reprodução e melhoramento genético, do bem estar animal, além de fundamentos de metodologia científica, posibilitando um melhor desempenho nesta linha de produção. O curso visa preparar 50 especialistas em produção leiteira ecológica. Esses especialistas atuarão junto aos assentamentos para fomentar atividades sustentáveis e rentáveis de produção leiteira, que responde pela renda mensal de cerca de 70% das famílias assentadas, especialmente na região sul do Brasil. O curso prevê integração entre teoria e prática, tendo os educandos que desenvolver projetos aplicados à realidade dos assentamentos rurais, desenvolvendo ao menos um projeto prático cada educando, ao longo do curso. O projeto de criação do Curso de Especialização em Produção de Leite Agroecológico já foi analisado e teve aprovada sua execução tanto pela UFFS (decisão CONSUNI, de 26/09/2011) como pela Comissão Pedagógica Nacional do Pronera (28/10/2011).. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Especialização: (50) . , Integrantes: Josimeire Aparecida Leandrini - Coordenador / Pedro Ivan Christoffoli - Integrante / Antonio Escobar de Almeida - Integrante / Daniel Cordeiro Vieira - Integrante / Antonio Marcos de Oliveira - Integrante / Valdemar Arl - Integrante / Luiz Carlos Pinheiro Machado - Integrante / Aline Callegari Silva - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Outra., Número de produções C, T & A: 4

  • 2012 - 2015

    Especialização em Produção de Leite Agroecológico, Descrição: Através da Chamada CNPq/MDA/-INCRA nº 26/2012 abriu-se a possibilidade de implementar a Especialização em Produção de Leite Agroecológico. A reforma agrária no Brasil já atinge cerca de um milhão de famílias, ou 20% das famílias que vivem no campo brasileiro, pode-se considerar como número significativo de famílias, mas alem da terra é preciso condições para se viver com dignidade nela, por isso é necessário alternativas para geração de renda, com este fim a produção de leite cumpre um papel fundamental para sua manutenção ao propiciar ingresso de renda mensal e também por formar parte essencial dos sistemas produtivos camponeses. A produção convencional de leite em pequena escala é inviável por não propiciar renda suficiente ao agricultor para remunerar os fatores de produção. Torna-se urgente a busca por novas tecnologias ou sistemas de produção, onde seja possível diminuir custos de produção, nesta linha a produção agroecológica de leite preconizada neste curso parte da utilização do sistema de Pastoreio Rotativo Racional Voisin (PRV) como um de seus elementos fundamentais. Sistemas de produção à base de pasto, em geral, são mais vantajosos. Assim, o curso de especialização e extensão em produção de leite agroecológico propiciará os conhecimentos necessários a esta prática, e irá também e adicionar outros elementos necessários à produção agroecológica de leite, nos campos da alimentação, da sanidade animal, da reprodução e melhoramento genético, do bem estar animal, além de fundamentos de metodologia científica, posibilitando um melhor desempenho nesta linha de produção. O curso visa preparar 50 especialistas em produção leiteira ecológica. Esses especialistas atuarão junto aos assentamentos para fomentar atividades sustentáveis e rentáveis de produção leiteira, que responde pela renda mensal de cerca de 70% das famílias assentadas, especialmente na região sul do Brasil. O curso prevê integração entre teoria e prática, tendo os educandos que desenvolver projetos aplicados à realidade dos assentamentos rurais, desenvolvendo ao menos um projeto prático cada educando, ao longo do curso. O projeto de criação do Curso de Especialização em Produção de Leite Agroecológico já foi analisado e teve aprovada sua execução tanto pela UFFS (decisão CONSUNI, de 26/09/2011) como pela Comissão Pedagógica Nacional do Pronera (28/10/2011).. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Especialização: (50) . , Integrantes: Josimeire Aparecida Leandrini - Coordenador / Pedro Ivan Christoffoli - Integrante / Antonio Escobar de Almeida - Integrante / Daniel Cordeiro Vieira - Integrante / Antonio Marcos de Oliveira - Integrante / Valdemar Arl - Integrante / Luiz Carlos Pinheiro Machado - Integrante / Aline Callegari Silva - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Outra., Número de produções C, T & A: 4

  • 2019 - Atual

    Consolidação do Centro Vocacional Tecnológico em Cooperativismo, Agroindustrialização e Agroecologia, e implantação do Núcleo de estudos em SPDH na Região da Cantuquiriguaçu, PR, Descrição: Projeto guarda chuva Registro: sistema Prisma UFFS, PES-2019-0541, Início: 10/05/2019 a Fim: 25/11/2024 -A Universidade Federal da Fronteira Sul - UFFS tem como um dos pilares de sua missão institucional promover o desenvolvimento regional integrado, para isso, possui diversos Núcleos de Estudos em Agroecologia já implantados no Campus Laranjeiras do Sul como: Núcleo de estudos em Agroecologia e Produção Orgânica da Cantuquiriguaçu (NEA-Cantu), Núcleo de Estudos Avançados em Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional "KARU PORÃ" (NEA-SSAN), Núcleo de Estudos em Aquicultura com enfoque agroecológico (AQUANEA), Núcleo de Estudos em Cooperação (NECOOP/UFFS), o Grupo de Estudos em Educação do Campo, Cooperativismo e Agroecologia (GEECA/UFFS) e o Programa de Educação Tutorial (PET Políticas Públicas e Agroecologia), além de cursos de graduação e pós-graduação, que tem aprovado projetos técnicos para o desenvolvimento e fortalecimento dos agricultores camponeses familiares, dos assentados e acampados da reforma agrária, de povos quilombolas e faxinalenses, e de áreas indígenas da região, proporcionando melhoria das condições reais de vida desses povos. A consolidação do Centro Vocacional Tecnológico em Cooperativismo, Agroindustrialização e Agroecologia, e a implantação do Núcleo de estudos em Sistema de Plantio Direto de Hortaliças (SPDH) na Região da Cantuquiriguaçu, PR, proporcionará apoio, orientação e uma melhor trativa às demandas sociais existentes no território. Este projeto atuará na disseminação do conhecimento sobre o Sistema de Plantio Direto de Hortaliças enquanto método de produção, observando as dimensões da sustentabilidade, enquanto apoio para a transição agroecológica. Tem por objetivo orientar, organizar e fortalecer a produção, a agroindustrialização e a comercialização dos produtos oriundos dos sujeitos e entidades envolvidas. Atuará também, na capacitação e organização destes, incentivando-os a contribuírem com seus saberes e experiências, numa soma de conhecimento técnico-científico e empírico.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Josimeire Aparecida Leandrini - Coordenador / Pedro Ivan Christoffoli - Integrante / Valdemar Arl - Integrante / Julian Perez Cassarino - Integrante / Cláudia Simone Madruga Lima - Integrante / Valmir José de Souza - Integrante / Ana Cristina Hammel - Integrante / Luiz Fernando Costa Holanda - Integrante / Maevi Fornazari - Integrante / Douglas de souza Santos - Integrante / Alexsandro da Motta - Integrante / Jamil Abdalla Fayad - Integrante / Olivio Dambros - Integrante.

  • 2017 - Atual

    Implantação do Centro Vocacional Tecnológico em Agroecologia e produção Orgânica na Região da Cantuquiriguaçu, PR, Descrição: A Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) é implementada em 2009 com uma proposta de interiorização no ensino superior federal e atendimento das demandas de uma população historicamente excluída. No território da Cantuquiriguaçu, uma das regiões mais empobrecidas do estado do Paraná, se insere o Campus de Laranjeiras do Sul da UFFS. Tendo como foco institucional da sua atuação de ensino, pesquisa e extensão na promoção de alternativas ao desenvolvimento regional centrando na agroecologia, cooperação e nos segmentos da agricultura familiar. Isso irá culminar no foco dos cursos de graduação, projetos de pesquisa, e outras ações institucionais. Criam-se projetos específicos que apresentam nessa proposta a implementação do Centro Vocacional Tecnológico em Agroecologia e Produção Orgânica no Campus Laranjeiras do Sul da Universidade Federal da Fronteira Sul para atuação na Região da Cantuquiriguaçu, PR. Compõem esta proposta os seguintes projetos da UFFS Campus Laranjeiras do Sul: Núcleos de Estudos em Agroecologia já implantados no Campus Laranjeiras do Sul - Núcleo de estudos em Agroecologia e Produção Orgânica da Cantuquiriguaçu (NEACantuquiriguaçu), Núcleo de Estudos Avançados em Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional "KARU PORÃ" (NEA-SSAN), Núcleo de Estudos em Aquicultura com enfoque agroecológico (AQUANEA), Núcleo de Estudos em Cooperação (NECOOP/UFFS), o Grupo de Estudos em Educação do Campo, Cooperativismo e Agroecologia (GEECA/UFFS) e o Programa de Educação Tutorial (PET Políticas Públicas e Agroecologia). Colocam-se como frentes desse projeto quatro linhas de atuação que tem como objteivo permitir que o CVT em Agroecologia e Produção Orgânica seja implementado: (i) Fomento à aquicultura agroecológica; (ii) Desenvolvimento de tecnologias de produção agroecológica. (iii) Fomento à cooperação e à agregação de valor na produção agroecológica; e (iv) Formação e capacitação para a agroecologia. Serão divididas em 17 metas executadas de maneira articulada pelo proponentes do projeto. Espera-se com esse projeto atender um público de 3347 pessoas e 300 famílias. O principal resultado esperado com esse projeto é a implementação do CVT que se articule com as diversas frentes já existente na UFFS Campus Laranjeiras do Sul e permita processos sinérgicos entre as ações que estão sendo desenvolvidas com a comunidade acadêmica regional em Agroecologia e Produção Orgânica. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (5) / Mestrado acadêmico: (2) . , Integrantes: Josimeire Aparecida Leandrini - Coordenador / Pedro Ivan Christoffoli - Integrante / Cristina Sturmer dos Santos - Integrante / Gilmar Franzener - Integrante / Julian Perez Cassarino - Integrante / Marcos Paulo Bertolini da Silva - Integrante / Anelize De Souza Muller Campos - Integrante / Betina Muelbert - Integrante / Aline Pomari Fernandes - Integrante / Cláudia Simone Madruga Lima - Integrante / Lisandro Tomas da Silva Bonome - Integrante / Luis Carlos Costa - Integrante / Marcos Weingartner - Integrante / Gabriela Silva Moura - Integrante / Ceyça Lia Palerosi Borges - Integrante / Maude Regina Borba - Integrante / Rodrigo Ozelame da Silva - Integrante / Luiz Fernando Costa Holanda - Integrante / Domitila Souza Santos - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Outra.

  • 2012 - 2015

    Especialização em Produção de Leite Agroecológico, Descrição: Através da Chamada CNPq/MDA/-INCRA n 26/2012 abriu-se a possibilidade de implementar a Especialização em Produção de Leite Agroecológico. A reforma agrária no Brasil já atinge cerca de um milhão de famílias, ou 20% das famílias que vivem no campo brasileiro, pode-se considerar como número significativo de famílias, mas alem da terra é preciso condições para se viver com dignidade nela, por isso é necessário alternativas para geração de renda, com este fim a produção de leite cumpre um papel fundamental para sua manutenção ao propiciar ingresso de renda mensal e também por formar parte essencial dos sistemas produtivos camponeses. A produção convencional de leite em pequena escala é inviável por não propiciar renda suficiente ao agricultor para remunerar os fatores de produção. Torna-se urgente a busca por novas tecnologias ou sistemas de produção, onde seja possível diminuir custos de produção, nesta linha a produção agroecológica de leite preconizada neste curso parte da utilização do sistema de Pastoreio Rotativo Racional Voisin (PRV) como um de seus elementos fundamentais. Sistemas de produção à base de pasto, em geral, são mais vantajosos. Assim, o curso de especialização e extensão em produção de leite agroecológico propiciará os conhecimentos necessários a esta prática, e irá também e adicionar outros elementos necessários à produção agroecológica de leite, nos campos da alimentação, da sanidade animal, da reprodução e melhoramento genético, do bem estar animal, além de fundamentos de metodologia científica, posibilitando um melhor desempenho nesta linha de produção. O curso visa preparar 50 especialistas em produção leiteira ecológica. Esses especialistas atuarão junto aos assentamentos para fomentar atividades sustentáveis e rentáveis de produção leiteira, que responde pela renda mensal de cerca de 70% das famílias assentadas, especialmente na região sul do Brasil. O curso prevê integração entre teoria e prática, tendo os educandos que desenvolver projetos aplicados à realidade dos assentamentos rurais, desenvolvendo ao menos um projeto prático cada educando, ao longo do curso. O projeto de criação do Curso de Especialização em Produção de Leite Agroecológico já foi analisado e teve aprovada sua execução tanto pela UFFS (decisão CONSUNI, de 26/09/2011) como pela Comissão Pedagógica Nacional do Pronera (28/10/2011).. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Especialização: (50) . , Integrantes: Josimeire Aparecida Leandrini - Coordenador / Pedro Ivan Christoffoli - Integrante / Antonio Escobar de Almeida - Integrante / Daniel Cordeiro Vieira - Integrante / Antonio Marcos de Oliveira - Integrante / Valdemar Arl - Integrante / Luiz Carlos Pinheiro Machado - Integrante / Aline Callegari Silva - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Outra., Número de produções C, T & A: 4

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Universidade Federal da Fronteira Sul, Campus de Laranjeiras do Sul. , Caixa Postal 106, BR, 85301970 - Laranjeiras do Sul, PR - Brasil - Caixa-postal: 106, Telefone: (42) 36350000, Ramal: 8675, URL da Homepage:

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2010 - Atual

    Universidade Federal da Fronteira Sul

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Adjunto, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Atividades

    • 09/2015

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Campus de Laranjeiras do Sul, .,Cargo ou função, Membro do Colegiado do Curso de Engenharia de Aquicultura.

    • 03/2014

      Ensino, Agroecologia e Desenvolvimento Rural Sustável, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, Agroecologia, Oficina interdisciplinar I, Oficina Interdisciplinar II, Topicos Especiais - Gênero, Topicos Especiais - Agroecologia

    • 03/2014

      Outras atividades técnico-científicas , Laboratório de Botânica e Herbário, Laboratório de Botânica e Herbário.,Atividade realizada, Responsável do Laboratório de Botânica.

    • 09/2013

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Campus de Laranjeiras do Sul, .,Cargo ou função, Membro do Colegiado do Mestrado em Agroecologia e Desenvolvimento Rural Sustentavel.

    • 03/2011

      Ensino, Engenharia de Aquicultura, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Biologia de Vegetais Aquáticos e Algas

    • 08/2010

      Pesquisa e desenvolvimento , Campus de Laranjeiras do Sul, .,Linhas de pesquisa

    • 08/2010

      Ensino, Interdisciplinar em Educação No Campo, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Biologia III (Botanica Geral: Algas, Fungos,Plantas Avasculares e Plantas Vasculares), Fundamentos de Ecologia

    • 03/2010

      Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Cogumelos comestíveis e de uso medicinal, Meio Ambiente, Economia e Sociedade, Organografia e Sistemática Vegetal

    • 09/2015 - 12/2017

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Campus de Laranjeiras do Sul, .,Cargo ou função, Membro conselho coordenadora de curso Agronomia linha de formação em Agroecologia.

    • 09/2013 - 09/2016

      Outras atividades técnico-científicas , Campus de Laranjeiras do Sul, Campus de Laranjeiras do Sul.,Atividade realizada, Membro do Nucleo docente Estruturante do curso de Agronomia Linha de Formação em Agroecologia.

    • 10/2010 - 08/2013

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Campus de Laranjeiras do Sul, .,Cargo ou função, Comissão Coordenadora do Grupo de Trabalho responsável pela elaboração do Projeto e implantação do Programa de Pós-Graduação em Agroecologia.

    • 05/2013 - 05/2013

      Ensino, Especialização em produção de Leite Agroecologico, Nível: Especialização,Disciplinas ministradas, Agroecologia/ Parte (Fundamentos de Ecologia)

    • 02/2011 - 04/2013

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Campus de Laranjeiras do Sul, .,Cargo ou função, Membro do Conselho de campus.

    • 04/2010 - 04/2013

      Direção e administração, Curso de Agronomia com enfase em Agroecologia, Campus Laranjeiras do Sul.,Cargo ou função, Coordenador de Curso Agronomia (enfase em Agroecologia).

  • 2008 - 2009

    Universidade Federal de Santa Catarina

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor colaborador, Carga horária: 40

    Atividades

    • 08/2008 - 12/2009

      Ensino, Bacharelado de Ciências Biológicas, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Taxonomia de criptogamas

    • 08/2008 - 12/2009

      Ensino, Engenharia de Aquicultura, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Bologia de Vegetais Aquáticos e algas

    • 02/2009 - 07/2009

      Ensino, Oceanografia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Ecologia Geral

  • 2007 - 2008

    Universidade Estadual de Londrina

    Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor Colaborador, Carga horária: 20

    Atividades

    • 03/2008 - 03/2010

      Pesquisa e desenvolvimento , Centro de Ciências Biológicas, .,Linhas de pesquisa

    • 02/2008 - 07/2008

      Ensino, Bacharelado em Ciências Biológicas, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Anatomia e morfologia Vegetal

    • 08/2007 - 07/2008

      Ensino, Farmácia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Farmacobotânica

    • 08/2007 - 07/2008

      Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Morfologia Vegetal

  • 2004 - 2007

    Centro Integrado de Ensino Superior Cies Pr

    Vínculo: Professor Horista, Enquadramento Funcional: Professor, Carga horária: 40

    Atividades

    • 05/2005 - 04/2007

      Pesquisa e desenvolvimento , Núcleo de Pesquisa, Extensão e Pós-Graduação -NUPEP, .,Linhas de pesquisa

    • 08/2004 - 04/2007

      Direção e administração, Laboratório Herbário, .,Cargo ou função, Coordenador do Laboratório e responsável pela Coleção de Plantas - Herbário.

    • 06/2004 - 04/2007

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Ciencias Bioloógicas, .,Cargo ou função, Núcleo de Apoio Pedagógico - Napi.

    • 02/2004 - 04/2007

      Ensino, Ciencias Biologicas, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Anatomia de Plantas com Sementes, Morfologia e Sistemática de Algas e Fungos, Morfologia e Sistemática Vegetal, Pesquisa, Sistemática de Fanerógamas

  • 1998 - 2000

    Universidade Estadual de Maringá

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Biólogo - Nupelia, Carga horária: 40

    Atividades

    • 07/1998 - 07/2000

      Serviços técnicos especializados , Centro de Ciências Biológicas, .,Serviço realizado, Biólogo - Área Perifiton.

  • 2009 - 2010

    Universidade Federal de Goiás

    Vínculo: Bolsista Prodoc, Enquadramento Funcional: Biologa Bolsista, Carga horária: 40

    Outras informações:
    Projeto: PERIFÍTON EM AMBIENTES DE VEREDAS NA REGIÃO DE CALDAS NOVAS E SUA RESPOSTA AOS PRINCIPAIS POLUENTES. Desenvolvido no lab. Lamarh no Programa de Doutorado em Ciências Ambientais (CIAMB).

  • 2006 - 2006

    Universidade Tecnológica Federal do Paraná

    Vínculo: Professor, Enquadramento Funcional: horista

    Outras informações:
    Disciplina de Manejo de Recursos Hidricos Orientação de aluno de especialização 160hs

    Atividades

    • 09/2006 - 11/2007

      Ensino, Tecnologia, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, Manejo de Recursos Hidricos

    • 10/2006 - 05/2007

      Outras atividades técnico-científicas , Universidade Tecnológica Federal do Paraná - Campus de Campo Mourão, Universidade Tecnológica Federal do Paraná - Campus de Campo Mourão.,Atividade realizada, Orientação de Projeto - Ocorrência de algas perifíticas em um trecho do Rio dos Papagaios ? Campo Mourão Paraná/Brasil.

  • 2000 - 2000

    Governo do Estado do Paraná

    Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Profesor, Carga horária: 10

  • 1996 - 1996

    Governo do Estado do Paraná

    Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor, Carga horária: 25

  • 1994 - 1995

    Governo do Estado do Paraná

    Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor, Carga horária: 32

    Atividades

    • 08/2000 - 12/2000

      Ensino,,Disciplinas ministradas, Biologia

    • 02/1996 - 12/1996

      Ensino,,Disciplinas ministradas, Biologia, Anatomia e fisiologia humana

    • 02/1994 - 12/1995

      Ensino,,Disciplinas ministradas, Biologia, Química

  • 1987 - 1987

    Prefeitura Municipal de Maringá

    Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Auxiliar de Creche, Carga horária: 20