João Cleps Junior

Graduado em Geografia pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - Unesp de Presidente Prudente (1984) e Mestrado e Doutorado em Geografia [Área de Concentração em Organização do Espaço pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - UNESP/Rio Claro. Atualmente é professor Titular do Instituto de Geografia e Coordenou o Programa de Pós-Graduação em Geografia da Universidade Federal de Uberlândia (2004-2005 e 2015-2017). Coordena o Laboratório de Geografia Agrária - LAGEA e o Núcleo de Estudos Agrários e Territoriais - NEAT [Diretório de Grupo de Pesquisa - CNPq]. É membro pesquisador do NERA - Núcleo de Estudos, Pesquisas e Projetos de Reforma Agrária da Unesp de Presidente Prudente e da Rede de Pesquisa DATALUTA. É coordenador da Pesquisa DATALUTA em Minas Gerais desde 2005. É Editor-chefe do periódico Campo-Território: Revista de Geografia Agrária. Pesquisador Mineiro - Nível A (2015-2017] Atua na área de Geografia Humana, com ênfase em Geografia Agrária e Geografia Econômica, com pesquisas nos seguintes temas: Reforma Agrária; Agricultura e Meio Ambiente; Produção Camponesa e Agronegócio.

Informações coletadas do Lattes em 23/06/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em Geografia

1993 - 1997

Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho
Título: Dinâmica e Estratégias do Setor Agroindustrial no Cerrado: o caso do Triângulo Mineiro
Profa Dra. Vera Mariza Henriques de Miranda Costa. Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Palavras-chave: Agronegócio; Produção Integrada; Modernização Agrícola; Políticas Públicas; Triângulo Mineiro; Cerrados. Grande área: Ciências HumanasSetores de atividade: Desenvolvimento Rural.

Mestrado em Geografia Organização do Espaço Rio Claro

1985 - 1989

Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho
Título: O Pontal do Paranapanema Paulista: a incorporação regional da periferia do café,Ano de Obtenção: 1990
Prof Dr. Sílvio Carlos Bray.Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Palavras-chave: Cafeicultura; Conflitos Sociais; Pontal do Paranapanema; Incorporação Capitalista; Reforma Agrária; Assentamentos Rurais. Grande área: Ciências HumanasSetores de atividade: Desenvolvimento Rural.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Pós-doutorado

2010 - 2010

Pós-Doutorado. , Universidad de la Habana, UH, Cuba. , Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. , Grande área: Ciências Humanas

2008 - 2009

Pós-Doutorado. , Universidade Estadual de Campinas, UNICAMP, Brasil. , Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil. , Grande área: Ciências Humanas, Grande Área: Ciências Humanas / Área: Geografia / Subárea: Geografia Humana / Especialidade: Geografia Agrária.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Bem.

Espanhol

Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Pouco.

Português

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Francês

Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências Humanas / Área: Geografia / Subárea: Geografia Humana/Especialidade: Geografia Agrária.

    Grande área: Ciências Humanas / Área: Geografia / Subárea: Geografia Humana/Especialidade: Geografia Econômica.

    Grande área: Ciências Humanas / Área: Geografia / Subárea: Geografia Humana/Especialidade: Geografia da População.

    Grande área: Ciências Humanas / Área: Geografia / Subárea: Geografia Regional.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

CLEPS JUNIOR, J. ; BETANHO, C. ; COSTA, A. C. M. . V Jornada Universitária em Defesa da Reforma Agrária (JURA). 2019. (Outro).

CLEPS JUNIOR, J. ; CHELOTTI, Marcelo Cervo ; GUMIERO, G. D. . IV Colóquio de Pesquisas NEAT/LAGEA. 2019. (Outro).

CLEPS JUNIOR, João ; COSTA, Antônio Cláudio Moreira . IV Jornada Universitária da Reforma Agrária - JURA. 2017. (Outro).

CLEPS JR., J. ; CHELOTTI, Marcelo Cervo . III Jornada Universitária da Reforma Agrária - JURA. 2016. (Outro).

CLEPS JUNIOR, J. . II JORNADA UNIVERSITÁRIA EM DEFESA DA REFORMA AGRÁRIA. 2015. (Outro).

CLEPS JR., João ; RAMOS FILHO, E. S. . 2o. Seminário Estado, Questão Agrária e Conflitos Territoriais. 2014. (Outro).

CLEPS JUNIOR, J. . I JORNADA UNIVERSITÁRIA EM DEFESA DA REFORMA AGRÁRIA. 2014. (Outro).

CLEPS JUNIOR, J. ; MITIDIERO JUNIOR, M. A. ; FABRINI, João Edmilson . X ENANPEGE [Coordenação e Avaliação de Trabalhos do GT - Movimentos Sociais e Reforma Agrária]. 2013. (Congresso).

CLEPS JR., J. ; MITIDIERO JUNIOR, M. A. . VI Simpósio Internacional de Geografia Agrária, VII Simpósio Nacional de Geografia Agrária e a 1º Jornada de Geografia das Águas [Membro de Comissão Científica]. 2013. (Congresso).

CLEPS JUNIOR, J. ; CHELOTTI, Marcelo Cervo ; PESSÔA, Vera Lúcia Salazar . XXI ENCONTRO NACIONAL DE GEOGRAFIA AGRÁRIA. 2012. (Congresso).

CLEPS JUNIOR, J. ; CHELOTTI, Marcelo Cervo . III Colóquio de Pesquisa NEAT-LAGEA. 2011. (Outro).

CLEPS JUNIOR, J. . I Colóquio de Pesquisa NEAT/LAGEA. 2009. (Outro).

CLEPS JUNIOR, J. . II Encontro de Grupos de Pesquisa - Agricultura, Desenvolvimento Regional e Transformações Socioespaciais. 2006. (Congresso).

CLEPS JUNIOR, J. . Paradigmas da Questão Agrária e do Capitalismo Agrário. 2006. (Outro).

CLEPS JUNIOR, J. . International Symposium on Land Degradation and Desertification. 2005. (Congresso).

CLEPS JUNIOR, J. ; BRANDÃO, Carlos Rodrigues . Jornada João Guimarães Rosa: Caminhos e Travessias nos Sertões. 2005. (Outro).

CLEPS JUNIOR, J. ; PAULA, Andréa Maria Narciso Rocha de ; LIMA, Samuel Do Carmo ; RODRIGUES, Luciene . II Encontro Regional dos Povos do Cerrado. 2004. (Congresso).

CLEPS JUNIOR, J. . Des-Territorialização e Regionalização num Mundo Globalizado. 2004. (Outro).

CLEPS JUNIOR, J. . Mini-Curso: Estatísitcas Aplicadas à Pesquisa em Geografia. 2004. (Outro).

CLEPS JUNIOR, J. . Geografia e Sustentabilidade: perspectivas para o século XXI. 1999. (Outro).

CLEPS JUNIOR, J. . Mesa-Redonda: Flexibilização Curricular nos Cursos de Geografia. 1999. (Outro).

CLEPS JUNIOR, J. . Trabalho de Campo no Assentamento Zumbi dos Palmares, com o Geógrafo Orlando Valverde. 1999. (Outro).

CLEPS JUNIOR, J. . Coordenação de Seção de Comunicações Livres - Painéis. 1998. (Congresso).

CLEPS JUNIOR, J. . VI Semana de Geografia e IV Encontro Local de Geógrafos. 1994. (Outro).

CLEPS JUNIOR, J. . Excursões Técnicas - 3o. Encontro Nacional de Estudos sobre o Meio Ambiente. 1991. (Congresso).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

I Encontro da Questão Agrária do Sudoeste Goiano.Questão Agrária: agronegócio e conflitos no campo. 2019. (Encontro).

IX Simpósio Internacional de Geografia Agrária e X Simpósio Nacional de Geografia Agrária.Comissão Científica. 2019. (Simpósio).

XIII Encontro Nacional da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Geografia - ANPEGE.GT 42 - Movimentos Sociais e Reforma Agrária. 2019. (Encontro).

Seminário "Território e Energia no Brasil: impactos, conflitos e limites".Implicações Ambientais e Territoriais da Produção Sucroenergética. 2018. (Seminário).

XXIV Encontro Nacional de Geografia Agrária.Agronegócio, Ambiente e Soberania Alimentar no Século XXI. 2018. (Encontro).

Fórum de Coordenadores de Programas de Pós-Graduação. 2017. (Encontro).

I Seminário Internacional de Educação do Campo na UFU.TERRITORIALIDADES E QUESTÃO AGRÁRIA NO INÍCIO DO SÉCULO XXI. 2016. (Seminário).

VIII ENGRUP - Encontro de Grupos de Pesquisa.O Movimento dos Atingidos pela Reforma Agrária de Mercado - MARAM: suas ações e os desdobramentos no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba - MG. 2015. (Encontro).

VIII ENGRUP - Encontro de Grupos de Pesquisa em Agricultura, Desenvolvimento Regional e Transformações Socioespaciais.Coordenação do Grupo de Trabalho "Questão Agrária, políticas públicas e desenvolvimento rural". 2015. (Encontro).

VII SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE GEOGRAFIA AGRÁRIA VIII SIMPÓSIO NACIONAL DE GEOGRAFIA AGRÁRIA.GT - Agrohidronegócio e Conflitos pelo Uso da Água. 2015. (Simpósio).

XI Encontro Nacional da ANPEGE.Movimentos Sociais e Reforma Agrária. 2015. (Encontro).

XV Encuentro de Geógrafos de América Latina.Políticas de Producción y Expansión de Agrocombustibles en Brasil. 2015. (Encontro).

XV Encuentro De Geógrafos de América Latina. Presidente de la Panel: Papel Del Estado, El Capital Y El Campesinato Ante Las Políicas de Reforma Agraria, La Soberanìa Alimentaria Y los Agrocombustibles. 2015. (Congresso).

3o. Seminário Estado, Questão Agrária e Conflitos Territoriais.Programa de Estímulo à Mobilidade e Cooperação Acadêmica da Pós-Graduação em Sergipe - PROMOB. 2014. (Seminário).

VII ENGRUP ? Encontro de Grupos de Pesquisa.Desafios da Pesquisa em Geografia Agrária ? uma proposta de trabalho coletivo. 2013. (Encontro).

VI Simpósio Internacional de Geografia Agrária, VII Simpósio Nacional de Geografia Agrária e 1ª Jornada de Geografia das Águas.Questão Agrária e Territórios do Agro(Hidro)Negócio nos Cerrados: dinâmica da expansão da produção de agrocombustível e as disputas territoriais. 2013. (Simpósio).

X Encontro Nacional da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Geografia.Reforma Agrária, Território e Agronegócio em Minas Gerais. 2013. (Encontro).

3o. Simpósio Regional de Geografia Agrária.O Campo Brasileiro em Questão: Territórios em Disputa. 2012. (Simpósio).

Simpósio Amazônico sobre Reforma Agrária, Desenvolvimento e Meio Ambiente.Questão Agrária, Desenvolvimento e Meio Ambiente no Brasil. 2012. (Simpósio).

V Seminário Estadual de Estudos Territoriais - SEET.O Processo de Pesquisa em Geografia. 2012. (Seminário).

XXI ENCONTRO NACIONAL DE GEOGRAFIA AGRÁRIA.Territórios em Disputa: os desafios da Geografia Agrária nas contradições do desenvolvimento brasileiro. 2012. (Encontro).

1o. Simpósio Nacional Espaço, Economia e Políticas Públicas.Questão Agrária, Agronegócio e Movimentos Sociais. 2011. (Simpósio).

II Simpósio do Núcleo de Pesquisa Geografia, Trabalho e Movimentos Sociais - GETeM.Questão Agrária: conceitos e paradigmas. 2011. (Simpósio).

V Simpósio Internacional e VI Simpósio Nacional de Geografia Agrária.MANIFESTAR E RESISTIR: A NATUREZA DOS CONFLITOS NO CAMPO NO BRASIL CONTEMPORÂNEO E OS IMPASSES SOBRE A REFORMA AGRÁRIA. 2011. (Simpósio).

1a. Semana de Geografia da Universidade Federal do Triângulo Mineiro - UFTM.Questões Agrárias Atuais. 2010. (Outra).

II Colóquio de Pesquisa NEAT/LAGEA.Atividades do Núcleo de Estudos Agrários e Territoriais (NEAT). 2010. (Outra).

IV Encontro Nacional de Educação, Saúde e Cultura Populares - IV ENESCPOP.Luta pela Terra e Territorialização do Campesinato: contribuições da pesquisa DATALUTA-MG. 2010. (Encontro).

Plesbiscito Popular: Por um Limite da Propriedade da Terra.LImite da Propriedade da Terra no Brasil. 2010. (Outra).

X Encontro de Geografia do Tocantins.Questão Agrária, Território e Desenvolvimento Rural no Brasil. 2010. (Encontro).

XX Encontro Nacional de Geografia Agrária.As Tipologias de Reforma Agrária em Minas Gerais e as Especificidades da Reforma Agrária de Mercado no Triângulo Mineiro/ Alto Paranaíba. 2010. (Encontro).

12o Encontro de Geógrafos de América Latina.Reprodução do Capital Sucroalcooleiro no Estado de Minas Gerais e as Transformações Recentes no Espaço Agrário do Triângulo Mineiro. 2009. (Encontro).

IV Simpósio Internacional de Geografia Agrária/ V Simpósio Nacional de Geografia Agrária.Estado e Políticas Neoliberais: reflexões sobre as transformações recentes na agricultura brasileira e cubana (1994-2005). 2009. (Simpósio).

Colóquio Internacional (Des)envolvimentos Contra Pobreza.Agricultura e Gestão da Água no Vale do Riachão - Montes Claros/MG. 2008. (Seminário).

I Congresso de Desenvolvimento Social. A Integração dos Dados da Luta pela Terra como Subsídio ao Estudo sobre o Desenvolvimento Socioterritorial: Pesquisa DATALUTA. 2008. (Congresso).

III Encontro Nacional de Educação, Saúde e Cultura Populares.DATALUTA-MG: metodologia de Criação de Banco de Dados para o Estudo da Luta pela Terra em Minas Gerais. 2008. (Encontro).

IV Encontro de Grupos de Pesquisa - Agricultura, Desenvolvimento Regional e Transformações Socioespaciais.Novos Aportes Teórico-Metodológicos para a Geografia Agrária. 2008. (Encontro).

XV ENCONTRO NACIONAL DE GEÓGRAFOS.REDE DATALUTA E AS METODOLOGIAS DE BANCO DE DADOS PARA A COMPREENSÃO DAS LUTAS NO CAMPO BRASILEIRO. 2008. (Encontro).

III Simposio Internacional de Geografia Agrária/ IV Simpósio de Geografia Agrária - Jornada Orlando Valverde.Novas Expressões Territoriais da Reforma Agrária, Uso e Propriedade da Terra no Brasil. 2007. (Simpósio).

25a Reunião Brasileira de Antropologia.Cartografia Sertaneja: as representações das práticas espaciais vividas, percebidas e imaginadas em Campo Geral. 2006. (Encontro).

II Encontro Nacional de Educação, Saúde e Cultura Populares.II Encontro Nacional de Educação, Saúde e Cultura Populares. 2006. (Encontro).

II Encotro de Grupos de Pesquisa - Agricultura, Desenvolvimento Regional e Transformações Socioespaciais.II Encontro de Grupos de Pesquisa. 2006. (Encontro).

III Semana Acadêmica da Universidade Federal de Uberlândia.III Semana Acadêmica da UFU. 2006. (Encontro).

Simpósio Nacional de Reforma Agrária.Simpósio Nacional Reforma Agrária - Balanço Crítico e Perspectivas. 2006. (Seminário).

XVIII Encontro Nacional de Geografia Agrária.Avaliação e Perspectivas da Reforma Agrárie em Minas Gerais. 2006. (Encontro).

Ciclo de Palestras da Semana do Meio Ambiente.Semana do Meio Ambiente. 2005. (Encontro).

I Encontro de Grupos de Pesquisa.I Encontro de Grupos de Pesquisa. 2005. (Encontro).

International Symposium on Land Degradation and Desertification.International Symposium on Land Degradation and Desertification. 2005. (Simpósio).

VI Encontro Nacional da ANPEGE.VI Encontro da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Geografia. 2005. (Encontro).

X ENCONTRO DE GEÓGRAFOS DA AMÉRICA LATINA.X Encontro de Geógrafos da América Latina. 2005. (Encontro).

II Encontro Regional dos Povos do Cerrado.II Encontro Regional dos Povos do Cerrado. 2004. (Encontro).

VI CONGRESSO BRASILEIRO DE GEÓGRAFOS - 70 ANOS DA AGB. VI Congresso Brasileiro de Geógrafos. 2004. (Congresso).

VI Jornada de Geografia - 1Oo. Simpósio Ambientalista Brasileiro no Cerrado - Regional.VI Jornada de Geografia/ 1Oo. Simpósio Ambientalista Brasileiro no Cerrado - Regional. 2004. (Simpósio).

II Simpósio Nacional de Geografia Agrária/ I Simpósio Internacional de Geografia Agrária.II Simpósio Nacional de Geografia Agrária/ I Simpósio Internacional de Geografia Agrária. 2003. (Simpósio).

II SIMPÓSIO REGIONAL DE GEOGRAFIA - Perspectivas para o cerrado no século XXI.II Simpósio Regional de Geografia. 2003. (Simpósio).

V Encontro Internacional de Agropolos.V Encontro Internacional de Agropolos. 2003. (Encontro).

VI Semana de Educação - Educação e Geografia.VI Semana da Educação. 2003. (Encontro).

XLI Congresso Brasileiro de Economia e Sociologia Rural. XLI Congresso Brasileiro de Economia e Sociologia Rural. 2003. (Congresso).

I Simpósio Regional de Geografia - Geografia: aplicações e perpectivas.I Simpósio Regional de Geografia. 2002. (Simpósio).

XL Congresso Brasileiro de Economia e Sociologia Rural - Equidade e Eficiência na Agricultura Brasileira. XL Congresso Brasileiro de Economia e Sociologia Rural. 2002. (Congresso).

XXXIX Congresso da SOBER - Competitividade e Globalização. XXXIX Congresso Brasileiro de Economia e Sociologia Rural. 2001. (Congresso).

XV Encontro Nacional de Geografia Agrária.XV Encontro Nacional de Geografia Agrária. 2000. (Encontro).

X World Congress of Rural Sociology/ XXXVIII Congresso da SOBER. X World Congress of Rural Sociology/ XXXVIII Congresso Brasileiro de Economia e Sociologia Rural. 2000. (Congresso).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

Aluno: Márcia Carolina Silva

MATOS, Patrícia Francisca de; PAULA, Marise Vicente;CLEPS JUNIOR, João. Comunidade Quilombola dos Bagres em Vazante-MG: (Re)existências e estratégias de (re)produção social. 2018. Dissertação (Mestrado em Geografia ( Campus Catalão )) - Universidade Federal de Goiás.

Aluno: Paulo Pereira Filho

MENDONÇA, Marcelo Rodrigues; JESUS, Antonivaldo;CLEPS JUNIOR, João. Apropriação e Conflitos pela Água: dinâmicas socioespaciais a partir da bacia do rio Bezerra no município de Arraias - TO. 2018. Dissertação (Mestrado em Geografia ( Campus Catalão )) - Universidade Federal de Goiás.

Aluno: Michele Juliana de Assunção

MENDES, Estevane de Paula PontesPESSÔA, Vera Lúcia SalazarCLEPS JUNIOR, João. Estratégias de Reprodução Social na Agricultura Familiar: a Comunidade Tambiocó no município de Catalão (GO). 2018. Dissertação (Mestrado em Geografia ( Campus Catalão )) - Universidade Federal de Goiás.

Aluno: Heitor Nascimento Mendes

CHELOTTI, Marcelo Cervo; CLEMENTE, Evandro César;CLEPS JUNIOR, João. Expressões Territoriais Camponesas da Comunidade Boa Esperança, Frutal (MG): os equilíbrios da unidade camponesa frente ao avanço do agronegócio canavieiro. 2018. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Jaqueline Dall Agnol

MENDES, Estevane de Paula Pontes; CHELOTTI, Marcelo Cervo;CLEPS JUNIOR, João. Assentamento Chico Mendes: território de reprodução da agricultura familiar em Ituiutaba (MG). 2017. Dissertação (Mestrado em Geografia ( Campus Catalão )) - Universidade Federal de Goiás.

Aluno: Mayara Cristina Tristão

MENDES, Estevane de Paula Pontes; MARTINS, Renato Adriano;CLEPS JUNIOR, João. Uso do Solo e Conversão Vegetacional: a perda da biodiversidade em dois fragmentos de Cerrado Stricto Sensu no município de Goiandira (GO). 2017. Dissertação (Mestrado em Geografia ( Campus Catalão )) - Universidade Federal de Goiás.

Aluno: Mônica Arruda Zuffi

SANTOS, Rosselvelt José; SILVA, Arlete Mendes;CLEPS JUNIOR, João. Resiliência Camponesa nos Entornos da Monocultura da Cana-de-açúcar: especificidades comunitárias do lugar São Jerônimo - Limeira D'Oeste-MG. 2017. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Aline Turatti Alves

CHELOTTI, Marcelo Cervo; MARAFON, Gláucio José;CLEPS JUNIOR, João. Da Terra de Plantação à Terra de Lazer: metamorfoses do Rural em Sangradouro - Araranguá/SC. 2017. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Amarildo Silva Araújo

SIEBEN, AirtonCLEPS JUNIOR, João. Usina Hidrelétrica de Marabá e a Percepção da Comunidade de Apinagés em São João do Araguaia (PA) no Contexto da Futura Desterritorialização. 2017. Dissertação (Mestrado em Estudos de Cultura e Território) - Universidade Federal do Tocantins.

Aluno: Súsie Fernandes Santos Silva

SIEBEN, AirtonCLEPS JUNIOR, João. A Reterritorialização dos Barqueiros de Babaçulândia (TO) Atingidos pela Usina Hidrelétrica de Estreito (MA). 2017. Dissertação (Mestrado em Estudos de Cultura e Território) - Universidade Federal do Tocantins.

Aluno: Guilherme Valagna Pelisson

DE DAVID, César; WIZNIEWSKY, José Geraldo;CLEPS JUNIOR, J.; SALAMONI, Giancarla. As Alternativas da Agricultura Familiar como Estratégia de Manutenção e Permanência no Espaço Rural do Município de Tabapuã-SP. 2016. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Santa Maria.

Aluno: Felipe Genaro

CHELOTTI, Marcelo Cervo;PESSÔA, Vera Lúcia SalazarCLEPS JUNIOR, João. A Campesinidade em Iraí de Minas-MG: estratégias de reprodução social no Cerrado mineiro. 2016. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Maria Eleusa da Mota

CLEPS JUNIOR, João; SILVÈRIO, L. D.; Rocha, M. I. A.; SAMPAIO, A. A. M.. Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra - MST e a Escola Nacional Florestan Fernandes - ENFF: a construção da educação do campo no Brasil. 2015. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Ricardo Luís de Freitas

CLEPS JUNIOR, J.; RAMOS FILHO, E. S.; CHELOTTI, Marcelo Cervo. Movimento dos Atingidos pela Reforma Agrária de Mercado - MARAM: conquistas e desafios dos mutuários do Projeto Banco da Terra no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba. 2015. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Valmir Crispim dos Santos

CLEPS JUNIOR, J.; MENDONÇA, Marcelo Rodrigues; OLIVEIRA, A.R.. Extensão Rural e Valorização dos Saberes/Fazeres Agrícolas na Comunidade Kalunga de Monte Alegre de Goiás (GO). 2015. Dissertação (Mestrado em Geografia ( Campus Catalão )) - Universidade Federal de Goiás.

Aluno: Ãngelo de Sousa Zanoni

SCARIM, Paulo Cesar; CICCARONE, C.;CLEPS JR., João. Monopolização e R-existências: a Educação do Campo na Territorialidade Camponesa no Noroeste do Espírito Santo. 2015. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal do Espírito Santo.

Aluno: Franco Andrei Borges

CHELOTTI, Marcelo Cervo; SOUZA, Murilo Mendonça Oliveira de;CLEPS JR., João. A Inserção de Novos Sujeitos no Espaço Agrário do Triângulo Mineiro: os ciganos do Assentamento Paulo Faria. 2015. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Natália Lorena Campos

CLEPS JUNIOR, J.; MENDONÇA, Marcelo Rodrigues; PEREIRA, M. F. V.. Redes do Agronegócio canavieiro: a territorialização do Grupo Tércio Wanderley no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba (MG). 2014. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Sérgio de Souza Lopes

TSUKAMOTO, R. Y.; ANTONELLO, I. T.;CLEPS JUNIOR, J.. Limites e viabilidades do Programa Banco da Terra: um estudo do Grupo Sol Nascente de Centenário do Sul (PR). 2014. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Laís Naiara Gonçalves dos Reis

BRITO, Jorge Luis da Silva;CLEPS JUNIOR, João; LIMA, J. D.. Mapeamento Multitemporal (2000-2005; 2005-2010) da Conversão dos Diferentes Usos da Terra e Cobertura Vegetal Natural para a Cana-de-Açúcar no Triângulo Mineiro-MG. 2013. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Luciana Carvalho e Souza

LEITE, S. P.;CLEPS JUNIOR, J.; DELGADO, N. G.. O Agronegócio da Pecuária no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba: relações de poder e políticas públicas de 1990 a 2010. 2013. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós Graduação de Ciências Sociais em Desenvolvimento Agricultur) - Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro.

Aluno: Vaneza Aparecidade de Cubas

CAVALCANTE, M. I.;CLEPS JUNIOR, JoãoMENDES, Estevane de Paula Pontes. Do Sonho de "Fazer América" aos Trilhos Férreos: transformações socioespaciais ocasiondos pelo fluxo migratório para a cidade de Ipameri (GO) 1910-1950. 2012. Dissertação (Mestrado em Geografia ( Campus Catalão )) - Universidade Federal de Goiás.

Aluno: Maria Joseli Barreto

THOMAZ JUNIOR, Antonio; FELICIANO, C. A.;CLEPS JUNIOR, João. Territorialização das Agroindústrias Canavieiras no Pontal do Paranapanema e os Desdobramentos para o Trabalho. 2012. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: José Aparecido de Lima Dourado

MESQUITA, Helena Angélica;CLEPS JUNIOR, J.; MENDONÇA, Marcelo Rodrigues. Política de Irrigação no Nordeste: expropriação camponesa e precarização do trabalho no agronegócio da manga em Livramento de Nossa Senhora (BA). 2011. Dissertação (Mestrado em Geografia ( Campus Catalão )) - Universidade Federal de Goiás.

Aluno: Flavia da Silva Bortolotti

PAULINO, E. T.;CLEPS JUNIOR, J.; TSUKAMOTO, R. Y.. Desdobramentos Territoriais do Programa de Crédito Fundiário em Londrina e Tamarana-PR. 2011. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Juniele Martins Silva

MENDES, Estevane de Paula PontesCLEPS JUNIOR, J.; COSTA, C. L.. Agricultura Familiar e Territorialidade: as comunidades Cruzeiro dos Martírios e Paulistas no município de Catalão (GO). 2011. Dissertação (Mestrado em Geografia ( Campus Catalão )) - Universidade Federal de Goiás.

Aluno: Katia da Costa Lemes

MENDES, Estevane de Paula PontesCLEPS JUNIOR, J.; MENDONÇA, Marcelo Rodrigues. Agricultura Familiar e Territorialidades: os desafios dos pequenos produtores rurais da Comunidade Taquaral em Orizona (GO). 2010. Dissertação (Mestrado em Geografia ( Campus Catalão )) - Universidade Federal de Goiás.

Aluno: Sandra Regina Torres Dumont

BRANDÃO, Carlos Rodrigues; TYHEL, Leopoldo;CLEPS JUNIOR, J.. São Francisco - Caminho Geral do Sertão: cenários de vida e trabalho de pescadores tradicionais em Pirapora e Buritizeiro, Norte de Minas Gerais. 2007. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Lucimar Magalhães de Albuquerque

BRANDÃO, Carlos Rodrigues; THIESEN, Leopoldo Gabriel;CLEPS JUNIOR, J.. Aprender com o Buriti: tempos e espaços na formação de agentes da economia solidária no Norte de Minas Gerais. 2007. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Júlio César Pereira Borges

CALAÇA, Manoel; CHAVEIRO, Eguimar Felício;CLEPS JUNIOR, J.. Estado e Políticas Públicas: trilhos, estradas e fios da modernização do território goiano. 2007. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Goiás.

Aluno: Juliana Arruda

ARRAES, Nilson Antonio Modesto;CLEPS JUNIOR, J.; VALE, Ana Rute Do. Agricultura Urbana e Peri-Urbana em Campinas/SP: análise do Programa de Hortas Comunitárias como subsídio para políticas públicas. 2006. Dissertação (Mestrado em Engenharia Agrícola) - Universidade Estadual de Campinas.

Aluno: Maria das Graças Campolina Cunha Gama

LIMA, Samuel Do CarmoCLEPS JUNIOR, J.BRANDÃO, Carlos RodriguesRODRIGUES, Luciene. Água, Vereda, Veredeiro: um estudo sobre as agriculturas camponesa e comercial nas cabeceiras do rio Formoso, em Buritizeiro-MG. 2006. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Sidinéia Maria de Souza Abrantes

RODRIGUES, LucieneCLEPS JUNIOR, J.; LESSA, Simone Narciso. Capital Social e Desenvolvimento Local: o caso da Comunidade Tapera - Riacho dos Machados. 2006. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Social) - Universidade Estadual de Montes Claros.

Aluno: Jonas Romão Da Rocha

PESSÔA, Vera Lúcia SalazarCLEPS JUNIOR, J.; BARREIRA, Celene Cunha Monteiro Antunes. Chapadão do Sul (MS): um espaço construído no contexto da soja. 2005. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Joao de Souza Lima

HESPANHOL, Rosângela Aparecida de Medeiros;CLEPS JUNIOR, J.; THOMAZ JUNIOR, Antonio. A Modernização da Agricultura e as Implicações nas Relações de Trabalho no Campo: os trabalhadores volantes no município de Fernandópolis - SP. 2004. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Rosangela de Fátima Corrêa Fileni

FERREIRA, Enéas Rente;CLEPS JUNIOR, J.; ANTONIO FILHO, Fadel David. O Processo Migratório para o Interior Paulista: o caso de Rio Claro. 2004. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Benjamim de Lacerda Júnior

CALAÇA, Manoel;CLEPS JUNIOR, J.; CHAVEIRO, Eguimar Felício. Modernização da Agricultura e Transformações no Espaço Rural e Urbano de Rio Verde-GO. 2004. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Goiás.

Aluno: Murilo Mendonça Oliveira de Souza

FRANCIS, David George;CLEPS JUNIOR, J.; RIBEIRO, Eleonora Estela Toffoli. Cooperativismo e Mudança Social: análise histórica com aplicação no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba. 2004. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Daniela Cursino Romão

FEHR, Manfred;CLEPS JUNIOR, J.; LANGE, Lisete Celina. Medição, Avaliação e Modelagem de Perdas de Frutas e Hortaliças em Uberlândia (MG). 2003. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Henrique de Oliveira

CLEPS JUNIOR, J.; CALAÇA, Manoel; DEUS, João Batista de. Territorialidades Agroindustriais e o Reordenamento da Dinâmica Agrária Regional: o caso da Perdigão em Rio Verde/GO. 2003. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Goiás.

Aluno: Adriana Salas Stevanato

CLEPS JUNIOR, J.; HESPANHOL, Antonio Nivaldo; SERRA, Elpídio. A Produção de Leite na Região de Presidente Prudente-SP:o caso da Cooperativa de Laticínios Vale do Paranapanema (COOLVAP). 2002. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Cláudia Regina Rosal Carvalho

CLEPS JUNIOR, J.SHIKI, S.FERNANDES FILHO, J. F.. A Cadeia Agroindustrial do Tomate no Corredor do Triângulo Mineiro: aspectos econômicos e suarelação com a questão da sustentabilidade. 2002. Dissertação (Mestrado em Economia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Antônio Marcos de Queiroz

CLEPS JUNIOR, J.FERNANDES FILHO, J. F.ORTEGA, A. C.. As Transformações Estruturais na Avicultura de Corte: o caso do modelo de integração. 2002. Dissertação (Mestrado em Economia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Cleusa Maria Silva

CLEPS JUNIOR, J.; CALAÇA, Manoel; BARREIRA, Celene Cunha Monteiro Antunes. A Agroindústria e a Reorganização do Território: Pires do Rio (GO). 2002. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Goiás.

Aluno: Nadine Aparecida Castro Bittencourt

CLEPS JUNIOR, J.NEDER, H. D.; ARAUJO, J. D.. Produtividade e Emprego na Agricultura nos Municípios da Mesorregião do Sul de Goiano: 1990-1998. 2001. Dissertação (Mestrado em Economia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Adriana Galvão Freire

CLEPS JUNIOR, J.; RIBEIRO, A. E. M.; SCHILINDWEIN, M. N.. Águas do Jequitinhonha: a gestão coletiva dos recursos hídricos pelos agricultores de Turmalina, MG. 2001. Dissertação (Mestrado em Administração) - Universidade Federal de Lavras.

Aluno: Débora Ferguson Ferreira

CLEPS JUNIOR, J.FERNANDES FILHO, J. F.ORTEGA, A. C.. Análise das Transformações Recentes na Agricultura da Região do Sudoeste de Goiás: 1970/1995-6. 2001. Dissertação (Mestrado em Economia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Alberto Pereira Lopes

CLEPS JUNIOR, J.PESSÔA, Vera Lúcia Salazar; BARREIRA, Celene Cunha Monteiro Antunes. Depois da Terra, o Desafio para Permanecer: o assentamento Muricizal - Muricilândia (TO). 2001. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Djalma Ferreira Pelegrini

CLEPS JUNIOR, J.ORTEGA, A. C.; COSTA, V. M. H. M.. Transformações na Suinocultura Brasileira: o programa de integração da Rezende Alimentos/Sadia na região do Triângulo Mineiro/ Alto Paranaíba. 2001. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: João Geraldo Nunes Rubelo

CLEPS JUNIOR, J.; SILVEIRA, F. R.; HESPANHOL, Antonio Nivaldo. A Produção Camponesa no Município de Jales (SP). 2000. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Ada Borges Custodio

CLEPS JUNIOR, J.PESSÔA, Vera Lúcia Salazar; SANCHES, M. C.. Produção e Comercialização de Tomate de Mesa em Araguari (MG). 2000. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Daniela Vieira Marques

ROSA, Roberto; VEDOVOTO, Graciela Luzia; MATOS, Patrícia Francisca de; BRITO, Jorge Luis da Silva;CLEPS JUNIOR, João. Análise Espacial como Instrumento Avaliativo de Instituições de Pesquisa Agropecuária - Brasil. 2018. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Reinaldo Sousa

RAMOS FILHO, E. S.; SORZANO, Angelina Herrera; SANTOS, J. L.; CAMPOS, Christiane Senhorinha Soares;CLEPS JUNIOR, J.. Da Luta por Acesso à Terra aos Desafios da Permanência: uma contribuição ao estudo da Questão Agrária no Brasil e em Cuba. 2017. Tese (Doutorado em Geografia) - Universidade Federal de Sergipe.

Aluno: Rafael de Melo Monteiro

SAQUET, M. A.; HESPANHOL, Rosângela Aparecida de Medeiros; FELICIANO, C. A.;PESSÔA, Vera Lúcia SalazarCLEPS JR., João. As Relações de Poder e as Territorialidades nos Assentamentos Rurais do Sudeste Goiano. 2017. Tese (Doutorado em Geografia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Claudia Chies

ROCHA, Márcio Mendes;CLEPS JUNIOR, J.; YOKOO, Edson Noriyuki; LIMA, Maria das Graças de; SILVA, Henrique Manoel da. Aposentadoria Rural e Políticas Públicas para a Agricultura Familiar: estudo dos municípios de Guaporema, São Tomé, Tapejara e Tuneiras do Oeste - PR. 2017. Tese (Doutorado em Geografia) - Universidade Estadual de Maringá.

Aluno: Gabriela Abrahão Masson

MARTINS, Eliana Bolorino Canteiro; SANT'ANA, Raquel Santos; BEZERRA, Cristina Simões; VINHA, J. F. S. C.;CLEPS JUNIOR, J.. A Reforma Agrária como uma Política Pública de Desenvolvimento ou Política Social? Uma Análise a partir dos Assentamentos Rurais "Tereza do Cedro" e "Dandara" no Município de Uberaba/MG. 2016. Tese (Doutorado em Serviço Social) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Hebert Canela Salgado

CLEPS JUNIOR, João; SANTOS, Rosselvelt José; SILVA, V.P.; ALMEIDA, M. G.; SILVA, C. A.. Brejos dos Crioulos no Sertão Norte Mineiro: desordem e rearranjos em territórios relacionais. 2015. Tese (Doutorado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Arnaldo José Zangelmi

MEDEIROS, L. S.; LERRER, D. F.; MACEDO, M. E.; NEVES, D. P.;CLEPS JUNIOR, J.. Traduções e bricolagens: Mediações em ocupações de terra no Nordeste Mineiro nas décadas de 1980 e 1990. 2014. Tese (Doutorado em Curso de Pós-Graduação em Desenvolvimento, Agricultura e Sociedade) - Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro.

Aluno: Valdir Gomes

SANTOS, M. L.; SERRA, E.; BANKUTI, S. M. S.;CLEPS JUNIOR, J.; KUERTEN, S.. O Neo-Institucionalismo e a Questão Ambiental: visão e valores dos agentes colonizadores pioneiros de Cidade Gaúcha, noroeste do Paraná durante a década de 1950. 2014. Tese (Doutorado em Geografia) - Universidade Estadual de Maringá.

Aluno: Karina Furini da Ponte

CLEPS JUNIOR, João; THOMAZ JUNIOR, Antonio; SILVA, S. S. da; LOURENÇO, E. A. de S.; CARVALHAl, M. D.. O Desenvolvimento Sustentável e o Controle Social da Natureza e do Trabalho: um estudo a partir da Fábrica de Preservativos Masculinos de Xapuri/AC. 2014. Tese (Doutorado em Geografia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: EDEVALDO APARECIDO DE SOUZA

SANTOS, Rosselvelt José;CLEPS JUNIOR, João; MENDONÇA, Marcelo Rodrigues; PORTUGUEZ, A. P.; CHAVEIRO, Eguimar Felício. O Território e as Estratégias de Permanência Camponesa da Comunidade Pedra Lisa no Processo de Expansão das Lavouras de Cana-de-Açúcar em Quirinópolis/GO. 2013. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: José Roberto Nunes de Azevedo

THOMAZ JUNIOR, Antonio; FELICIANO, C. A.; SOUZA, S. M. R.;CLEPS JUNIOR, J.; FERREIRA, Enéas Rente. As ações do agrohidronegócio e as formas de controle do trabalho no Mato Grosso do Sul. 2013. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Geografia (PP)) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Luis Fernando de Matheus e Silva

MARCOS, V.;CLEPS JR., J.; PORTO-GONCALVES, C. W.; MOURA, M. M.. Ilusão concreta, utopia possível: contraculturas espaciais e permacultura (uma mirada desde o cone sul). 2013. Tese (Doutorado em Geografia (Geografia Humana)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Priscilla Caires Santana Afonso

CLEPS JR., J.RODRIGUES, LucienePESSÔA, Vera Lúcia Salazar; SANTOS, Rosselvelt José; CHELOTTI, Marcelo Cervo. Usos e gestão das águas nas territorialidades rurais do Norte de Minas Gerais. 2013. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Paulo César de Souza

HESPANHOL, Antonio Nivaldo; PASSOS, M. M.; BARONE, L. A.; DE DAVID, César;CLEPS JUNIOR, João. Políticas Públicas e Desenvolvimento Rural na Região de Presidente Prudente: Programa de Fortalecimento da Agricultura Familiar (PRONAF) e Programa Estadual de Microbacias Hidrográficas (PEMH). 2012. Tese (Doutorado em Geografia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: André Eduardo Ribeiro da Silva

SUZUKI, Júlio César; VALVERDE, R. R. H. F.; COSTA, E. B.;CLEPS JUNIOR, João; RIBEIRO, S. L. S.. Territorialidades e Redes de Migração Maranhense para o Trabalho nos Canaviais Paulistas. 2012. Tese (Doutorado em Geografia (Geografia Humana)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: JANAINA FRANCISCA DE SOUZA CAMPOS

FERNANDES, B. M.; SPOSITO, Eliseu Savério; SUZUKI, Júlio César;CLEPS JUNIOR, João; FELICIO, M. J.. Leituras dos Territórios Paradigmáticos da Geografia Agrária: Análise dos Grupos de Pesquisa do Estado de São Paulo. 2012. Tese (Doutorado em Geografia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Renata Mainenti Gomes

SOUSA, N. H. B.; GOMES JUNIOR, N. N.;FERNANDES, Bernardo MançanoCLEPS JUNIOR, João; CARVALHO FILHO, J. J.. Reforma Agrária e Segurança Alimentar no Brasil: Reflexões no Contexto das Políticas Públicas Sociais. 2012. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Política Social) - Universidade de Brasília.

Aluno: Benjamin de Lacerda Júnior

CALAÇA, Manoel; OLIVEIRA, A.R.;GONÇALES, Claudecir; CHAVEIRO, Eguimar Felício;CLEPS JUNIOR, J.. Territórios e Políticas Espaciais do Agronegócio da Soja no Município de Rio Verde (GO). 2011. Tese (Doutorado em Geografia) - Universidade Federal de Goiás.

Aluno: Murilo Mendonça Oliveira de Souza

PESSÔA, Vera Lúcia SalazarCLEPS JUNIOR, J.; CALAÇA, Manoel; MESQUITA, Helena Angélica; SOARES, Beatriz Ribeiro. As Camadas da Terra: luta, territorialização e resistência camponesa na Mesorregião do Leste Rondoniense (1970-2010). 2011. Tese (Doutorado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Marcelo Cervo Chelotti

PESSÔA, Vera Lúcia SalazarCLEPS JUNIOR, J.; DE DAVID, César; SOARES, Beatriz Ribeiro. A Estância Metamorfoseou-se: (re)configurações territoriais e expressões da reterritorialização camponesa na Campanha Gaúcha (1990-2007). 2009. Tese (Doutorado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Nelson Rodrigo Pedon

FERNANDES, Bernardo Mançano; MENDONÇA, Marcelo Rodrigues; FERREIRA, Darlene A.de O.; SPOSITO, Eliseu Savério;CLEPS JUNIOR, J.. Movimentos Socioterritoriais: uma contribuição conceitual à pesquisa geográfica. 2009. Tese (Doutorado em Geografia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: ROBERTO BARBOZA CASTANHO

ROSA, Roberto; BEZZI, Meri Lourdes; SANO, Edson Eyji; BRITO, Jorge Luis da Silva;CLEPS JUNIOR, J.. Microrregião Geográfica de Carazinho - RS: espacialização da produção agropecuária utilizando-se técnicas de geoprocessamento. 2006. Tese (Doutorado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Ronan Eustáquio Borges

SAMPAIO, Silvia Selingardi;CLEPS JUNIOR, J.; BRAY, Silvio Carlos; ANDREOZZI, Sylvio Luiz; MENDES, Auro Aparecido. No Meio da Soja, o Brilho dos Telhados: a implantação da Perdigão em Rio Verde (GO), transformações socioeconômicos e espaciais. 2006. Tese (Doutorado em Geografia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Marcelo Rodrigues Mendonça

THOMAZ JUNIOR, Antonio;CLEPS JUNIOR, J.; CHAVEIRO, Eguimar Felício; MESQUITA, Helena Angélica; FABRINI, João Edmilson. A Urdidura Espacial do Capital e do Trabalho no Cerrado do Sudeste Goiano. 2004. Tese (Doutorado em Geografia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Celso Donizete Locatel

TEIXEIRA, Márcio Antonio;CLEPS JUNIOR, J.; SANTANA, Antonio Lázaro; SERRA, Elpídio; BENITES, Miguel Gimenez. Modernização da Agricultura, Políticas Públicas e Ruralidade: mudanças e permanências na dinâmica rural das microrregiões de Jales e de Fernandópolis (SP). 2004. Tese (Doutorado em Geografia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Paulo Roberto Teixeira de Godoy

CLEPS JUNIOR, J.; BRAY, Silvio Carlos; CARVALHO, P. F.; SILVEIRA, F. R.; LENCIONI, S.. A (des)Construção do Espaço Regional. 2002. Tese (Doutorado em Geografia Organização do Espaço Rio Claro) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Helena Angélica de Mesquita

CLEPS JUNIOR, J.; OLIVEIRA, A. U.;FERNANDES, B. M.; MARQUES, M. I. M.; IOKOI, Z. M. G.. Corumbiara: o massacre dos camponeses. Rondônia, 1995. 2001. Tese (Doutorado em Geografia (Geografia Humana)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Fabiano Greter Moreira

MIZUSAKI, Márcia Yukari; FABRINI, João Edmilson; SANTOS, Sônia Mar Migliorini;CLEPS JUNIOR, J.. Luta e Permanência na Terra nos Assentamentos Rurais no Município de Nova Andradina/MS. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Geografia) - Universidade Federal da Grande Dourados.

Aluno: Ricardo da Silva Costa

SANTOS, Rosselvelt José; SAMPAIO, A. A. M.;CLEPS JUNIOR, João. Resiliência Camponesa e Atos Territoriais em Espaços Reocupados pelo Otimismo do Setor Sucroalcooleiro: Tupaciguara-MG. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós-Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Frederico Antonio Mineiro Lopes

RODRIGUES, Luciene; XAVIER, Elton Dias; THÉ, Ana Paula Glinfskoi; BARBOSA, Rômulo Soares;CLEPS JUNIOR, J.. A Cultura da Democracia e a Participação Social de Agricultores em Conselhos de Desenvolvimento Rural. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Desenvolvimento Social) - Universidade Estadual de Montes Claros.

Aluno: Daniela Vieira Marques

ROSA, Roberto; AVELLAR, Ana Paula Macedo de;CLEPS JR., João. Avaliação do Impacto Institucional da Pesquisa Agropecuária a partir da Análise Espacial: metodologia aplicada aos estudos de Centros de Pesquisa da EMBRAPA. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós-Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Ana Alice Bezerra Pinto Damas

CLEPS JUNIOR, João; ORTEGA, A. C.; PEREIRA, M. F. V.. Transformações Espaciais no Norte de Minas Gerais: estudo das dinâmicas dos municípios que conformam o território Serra Geral. 2015.

Aluno: Geraldo Inácio Martins

CLEPS JR., JoãoRODRIGUES, Luciene; CHELOTTI, Marcelo Cervo. Conservação da Natureza e Modulação do Espaço: Políticas Ambientais de Conservação e Planejamento Biorregional no Mosaico Sertão Veredas- Peruaçu. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós-Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Hebert Canela Salgado

SANTOS, Rosselvelt José;CLEPS JUNIOR, J.; SILVA, C. A.. 'Brejo: "Nosso" lugar-território' territórios relacionais: o território quilombola de Brejo dos Crioulos-MG. Os desdobramentos das identidades espaciais na existência, des-ordem territorial e re-arranjos espaciais no sertão de Minhas Gerais. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós-Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Hebert Canela Salgado

CLEPS JUNIOR, João; SANTOS, Rosselvelt José; SILVA, C. A.. Brejo: "Nosso Lugar-Território" Territórios Relacionais: o território quilombola de Brejo dos Crioulos - MG. Os desdobramentos das identidades espaciais na existência, des-ordem territorial e re-arranjos espaciais no Sertão de Minas Gerais. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Priscilla Caires Santana Afonso

CLEPS JUNIOR, João; SANTOS, Rosselvelt José; CHELOTTI, Marcelo Cervo;PESSÔA, Vera Lúcia Salazar. O Território das Águas no Norte de Minas: um estudo das comunidades rurais do Vale do Richão em Montes Claros e do Vale do Gorotuba em Janaúba, Minas Gerais. 2013. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós-Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Antonio Miranda de Oliveira

SANTOS, Rosselvelt José;CLEPS JR., João; SAMPAIO, A. A. M.. Territorialidades camponesas na educação de assentados - assentamento Brejinho em Miracema do Tocantins. 2013. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós-Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: EDEVALDO APARECIDO DE SOUZA

SANTOS, Rosselvelt José;CLEPS JUNIOR, João; SANTOS, J. C. V.. O Território e as Estratégias de Pemanência Camponesa da Comunidade da Pedra Lisa em Quirinópolis (GO), Frente às Grandes Lavouras de Cana de Açúcar. 2012. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós-Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Viviane Guimarães Pereira

RIBEIRO, A. E. M.; MAFRA, F.L.N.; PEREIRA, J.A.A.;CLEPS JUNIOR, J.. Reterritorialização de Comunidades Tradicionais Atingidas por Barragem no Alto Jequitinhonha. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Administração) - Universidade Federal de Lavras.

Aluno: Murilo Mendonça de Oliveira Souza

PESSÔA, Vera Lúcia Salazar; SOARES, Beatriz Ribeiro;CLEPS JUNIOR, J.. As Camadas da Terra: luta, territorialização e resistência camponesa na Mesorregião do Leste Rondoniense. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Celbo Antonio da Fonseca Rosas

CLEPS JUNIOR, J.MENDES, Estevane de Paula Pontes; SOARES, Beatriz Ribeiro. A (Des) Construção da Dicotomia Rural-Urbano no Extremo Noroeste Paulista. 2009. Exame de qualificação (Doutorando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Marcelo Cervo Chelotti

PESSÔA, Vera Lúcia Salazar; MESQUITA, Helena Angélica; SOARES, Beatriz Ribeiro;CLEPS JUNIOR, J.. (RE)Configurações no Espaço Agrário da Mesorregião Geográfica do Sudoeste Rio-Grandense: a reterritorialização de trabalhadores sem-terra no domínio latifundiário. 2007. Exame de qualificação (Doutorando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Joelma Cristina dos Santos

PESSÔA, Vera Lúcia Salazar; MENDONÇA, Marcelo Rodrigues; SCHMALTZ, Eliane;CLEPS JUNIOR, J.. Dos Canaviais à Etanolatria: o (re)ordenamento territorial do capital e do trabalho no setor sucroalcooleiro na Microrregião Geográfica de Presidente Prudente/SP. 2007. Exame de qualificação (Doutorando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Claudecir Gonçales

CLEPS JUNIOR, J.; SANTOS, Rosselvelt José; PEREIRA, Sebastião Lázaro. A Implantação da Cultura da Soja em Goiás no Período 1970:2005: as inter-relações entre Estado, agricultura e indústria. 2006. Exame de qualificação (Doutorando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Estevane de Paula Pontes Mendes

HESPANHOL, Rosângela Aparecida de Medeiros;CLEPS JUNIOR, J.; ARANA, Alba Regina Azevedo. A Produção Rural Familiar: as comunidades rurais em Catalão (GO). 2004. Exame de qualificação (Doutorando em Geografia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Amarildo Silva Araújo

SIEBEN, Airton; SILVA, Marivaldo Cavalcanti da;CLEPS JUNIOR, J.. Usina Hidrelétrica de Marabá e a Percepção da Comunidade de Apinagés Diante da Futura Desterrritorialização. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Estudos de Cultura e Território) - Universidade Federal do Tocantins.

Aluno: Heitor Nascimento Mendes

CHELOTTI, Marcelo Cervo; SANTOS, J.C.;CLEPS JUNIOR, J.. A Multiterritorialidade Camponesa na Comunidade Boa Esperança, Frutal/MG. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Paulo Pereira Filho

MENDONÇA, Marcelo Rodrigues; JESUS, Antonivaldo;CLEPS JUNIOR, J.. Escassez Hídrica e Conflitos pela Água no Município de Arraias (TO): causas e consequências a partir da Bacia do Rio Bezerra. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Geografia ( Campus Catalão )) - Universidade Federal de Goiás.

Aluno: Márcia Carolina Silva

MATOS, Patrícia Francisca de; PAULA, Marise Vicente;CLEPS JUNIOR, J.. Comunidade Quilombola dos Bagres em Vazante-MG. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Geografia ( Campus Catalão )) - Universidade Federal de Goiás.

Aluno: Michele Juliana de Assunção

MENDES, Estevane de Paula Pontes; MATOS, Patrícia Francisca de;CLEPS JUNIOR, J.. Estratégias de Reprodução Social na Agricultura Familiar: a comunidade Tambiocó no município de Catalão (GO). 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Geografia ( Campus Catalão )) - Universidade Federal de Goiás.

Aluno: Fabio Borges Oliveira

ORLANDO, Paulo Henrique Kingma; OLIVEIRA, A.R.;CLEPS JR., João. Transferência de Tecnologias e Impactos Socioambientais no Campo: um estudo da atuação de políticas desenvolvimentistas para 'territórios rurais'. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Geografia ( Campus Catalão )) - Universidade Federal de Goiás.

Aluno: Jaqueline Dall Agnol

MENDES, Estevane de Paula Pontes; GONÇALVES, Sérgio;CLEPS JR., João. Assentamento Chico Mendes, Território de Reprodução da Agricultura Familiar em Ituiutaba (MG). 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Geografia ( Campus Catalão )) - Universidade Federal de Goiás.

Aluno: Aline Turatti Alves

CHELOTTI, Marcelo Cervo; MATOS, Patrícia Francisca de;CLEPS JR., João. O Rural no "Pé do Morro": metamorfoses de Sangradouro, Araranguá-SC. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós-Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Daise Jesus de Moura

CLEPS JR., João; CHELOTTI, Marcelo Cervo; MATOS, Patrícia Francisca de. Desafios e Perspectivas do Acesso às Políticas Públicas na Reforma Agrária: as associações rurais de assentados em programas governamentais de Uberlândia-MG. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós-Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Mônica Arruda Zuffi

SANTOS, Rosselvelt José; FERNANDES, Paulo Irineu Barreto;CLEPS JR., João. Resiliência Camponesa nos Entornos da Monocultura da Cana-de-Açúcar: especificidades comunitárias do lugar São Jerônimo - Limeira Do Oeste-MG. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós-Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Maria Eleusa da Mota

CLEPS JUNIOR, João; SAMPAIO, A. A. M.; FLORESTA, L.. O Setor de Educação do MST e a Luta na Construção da Educação do Campo no Brasil: a Escola Nacional Florestan Fernandes (ENFF) na perspectiva da formação. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Franco Andrei Borges

CLEPS JUNIOR, João; CHELOTTI, Marcelo Cervo; MATOS, Patrícia Francisca de. As Territorialidades Ciganas no Assentamento Paulo Faria no Triângulo Mineiro. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Valentina Montealegre Melo

CLEPS JUNIOR, João; CHELOTTI, Marcelo Cervo; PASSAPORTE, D. I. R. B.. Ordenamento Territorial Popular: experiências em torno da construção do território pelo campesinato colombiano. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Jéssica Cristina Garcia

CLEPS JUNIOR, JoãoPESSÔA, Vera Lúcia Salazar; CHELOTTI, Marcelo Cervo. Políticas Públicas para a Agricultura Familiar e Desenvolvimento Rural: efeitos do PRONAF no processo de reforma agrária em Uberlândia - MG. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Fabiana Borges Victor

CLEPS JR., João; CHELOTTI, Marcelo Cervo; VINHA, J. F. S. C.. Lutas Políticas e Socioterritoriais no Campo Brasileiro: conteúdo das manifestações de luta pela terra em Minas Gerais no início do século XXI. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós-Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Guilherme Valagna Pelisson

DE DAVID, César;CLEPS JR., João. A Resistência da Agricultura Familiar no Espaço Rural do Município de Tabapuã-SP, na Expansão das Monoculturas de Café, Laranja e Cana-de-Açúcar. 2015.

Aluno: Felipe Genaro

CHELOTTI, Marcelo Cervo;PESSÔA, Vera Lúcia SalazarCLEPS JR., João. A Campesinidade em Iraí de Minas-MG: estratégias de reprodução social no cerrado mineiro. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós-Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Ricardo Luís de Freitas

CLEPS JUNIOR, João; GUIMARÃES, L. C.; VINHA, J. F. S. C.. Movimentos dos Atingidos pela Reforma Agrária de Mercado - MARAM: conquistas e desafios dos mutuários do Projeto Banca da Terra no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Wesley Alves Vieira

CLEPS JUNIOR, J.; CHELOTTI, Marcelo Cervo; MATOS, Patrícia Francisca de. A Territorialização do MST no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba e o Assentamento Emiliano Zapata em Uberlândia-MG. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós-Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Valmir Crispim dos Santos

CLEPS JUNIOR, J.; MENDONÇA, Marcelo Rodrigues; OLIVEIRA, A.R.. Extensão Rural e Valorização dos Saberes e Fazeres Agrícolas Tradicionais da Comunidade Kalunga de Monte Alegre de Goiás (GO). 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Geografia ( Campus Catalão )) - Universidade Federal de Goiás.

Aluno: Laís Naiara Gonçalves dos Reis

BRITO, Jorge Luis da Silva;CLEPS JUNIOR, João; ROSA, Roberto. Avaliação Multitemporal da Conversão dos Diferentes Usos da Terra e Cobertura Vegetal Natural para a Cana de Açúcar no Triângulo Mineiro. 2012. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós-Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Fernando Antonio Abdalla

DI MAURO, C.A.; RIBEIRO, A. G.;CLEPS JUNIOR, J.. A Cobrança pelo Uso dos Recursos Hídricos: contexto histórico no Brasil e o surgimento da Agência de Bacia CBH - Araguari. 2011. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Gestão dos Recursos Hídricos no Brasil) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Flávio Rodrigues Máximo

BEVILHAQUA, Eduardo;CLEPS JUNIOR, J.; TYHEL, Leopoldo. Diagnóstico da Situação Socioambiental dos Catadores de Recicláveis em Várzea da Palma/MG. 2006. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Redes Solidárias de Educação e Ação Social) - Universidade Estadual de Montes Claros.

Aluno: Carla Valéria Soares Vitta

RODRIGUES, LucieneCLEPS JUNIOR, J.PAULA, Andréa Maria Narciso Rocha de. A Implantação de Centros de Referência de Assistência Social em Pirapora/MG: mapeamento da rede de proteção social existente e as possibilidades de inserção da família na rede de serviços socioassistenciais. 2006. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Redes Solidárias de Educação e Ação Social) - Universidade Estadual de Montes Claros.

Aluno: Miriam Batista Silveira

BRANDÃO, Carlos RodriguesBARBOSA, CristianoCLEPS JUNIOR, J.. Crianças de Rua: redes de trabalho infantil em Pirapora/MG. 2006. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Redes Solidárias de Educação e Ação Social) - Universidade Estadual de Montes Claros.

Aluno: Viviane Lopes de Souza Tângari

CLEPS JUNIOR, J.LIMA, Samuel Do Carmo; BEVILHAQUA, Eduardo. Planejamento do Uso e Ocupação do Solo em Várzea da Palma/MG: 1940-2005. 2006. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Redes Solidárias de Educação e Ação Social) - Universidade Estadual de Montes Claros.

Aluno: Ruhan Rodys Beiler

PEREIRA, M. F. V.;CLEPS JUNIOR, J.; SOUZA, Alex Cristiano de. Impactos do Setor Sucroenergético sobre o Preço das Terras no Triângulo Mineiro. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Marcelo Pereira de Melo

CHELOTTI, Marcelo Cervo; FERREIRA, William Rodrigues;CLEPS JR., João. Desafios para a Manutenção da Feira da Agricultura Familiar em Uberlândia-MG. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Fabiana Borges Victor

CLEPS JUNIOR, João; CHELOTTI, Marcelo Cervo;CAMPOS, Natália Lorena. Da Resistência à Conquista da Terra: as formas de manifestação de luta pela terra em Minas Gerais. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Geografia - Licenciatura Ou Bacharelado) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Otávio Melo Coelho

VICENTE, M.F.; CHELOTTI, Marcelo Cervo;CLEPS JUNIOR, J.. A Agricultura Moderna no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba: uma avaliação a partir dos grandes grupos do agronegócio. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Aline Marques da Silva

DI MAURO, C.A.;CLEPS JUNIOR, J.; VICENTE, M.F.. Manejo de Efluentes Suínos no Município de Uberlândia-MG. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Taiana Gomes Schwitzky

CHELOTTI, Marcelo Cervo;CLEPS JUNIOR, J.; SILVA, V.P.. Território e Geografia Agrária: a dinâmica territorialização-desterritorialização (T-D-R) nas Revistas Nera, Agrária e Campo-Território. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Diana Coelho Resende Borges

CLEPS, Geisa Daise Gumiero; MENCK, A. C. M.;CLEPS JUNIOR, J.. A Era Pós-Industrial e as Estratégias Mercadológicas na Disputa pelo Consumidor: o caso do setor gráfico e a implementação do comércio virtual em Uberlândia/MG. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Renata Rodrigues da Silva

CLEPS, Geisa Daise GumieroCLEPS JUNIOR, J.; FREITAS, P.S.R.. A Socioeconomia Solidária em Uberlândia/MG. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Káren Cristina de Fátima Guedes Albino

SANTOS, Rosselvelt José; SOUZA, E.A.;CLEPS JUNIOR, J.. Os Territórios da Cana-de-Açúcar no Triângulo Mineiro: impactos da expansão canavieira no município de Santa Juliana/MG. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Roberta Freitas de Rezende Souza

SOARES, Beatriz Ribeiro; FERREIRA, William Rodrigues;CLEPS JUNIOR, J.. Uma Discussão sobre o Orçamento Participativo: estudo de caso sobre o Bairro Buritis, Belo Horizonte/MG. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Ana Luiza dos Santos Costa

ASSUNÇÃO, Washington Luiz;CLEPS JUNIOR, J.; CHELOTTI, Marcelo Cervo. Modernização e Diversificação Agrícola no Município de Araguari (MG) nas Décadas de 1970 a 2000. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Eduardo Moraes Warpechowski

ARAÚJO, Hermetes Reis de;CLEPS JUNIOR, J.; LOPREATO, Christina da Silva Roquete. Alimentos Transgênicos: uma perspectiva histórica da biotecnologia. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Cátia Beatriz Ribeiro

ASSUNÇÃO, Washington Luiz;CLEPS JUNIOR, J.; BRITO, Jorge Luis da Silva. Meio Ambiente no Município de Araguari (MG). 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Cintia Neves Godoi

GUMIERO, G. D.;CLEPS JUNIOR, J.; SOARES, Beatriz Ribeiro. Os Mandamentos da Mundialização e os Serviços de Comunicação em Uberlândia/MG. 2003. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Sérgio da Silva Lima

CLEPS, Geisa Daise Gumiero; FERREIRA, William Rodrigues;CLEPS JUNIOR, J.. Movimentos Migratórios Recentes no Município de Lagoa Formosa /MG. 2003. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Volnei Freitas Vasconcelos

CLEPS JUNIOR, J.; SOARES, Beatriz Ribeiro; SANTOS, Rosselvelt José. A Reocupação do Cerrado e o Caminho da Cidade. 2002. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

Aluno: Sidivan Aparecido Resende

CLEPS JUNIOR, J.PESSÔA, Vera Lúcia Salazar; FRANCIS, David George. Globalização: a (re)estruturação da cooperativa dos produtores hortigranjeiros ltda.- MERCOUBERLÂNDIA. 2001. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia.

PINTO, A. L.; CALIXTO, M. J. M. S.;CLEPS JUNIOR, J.; THOMAZ JUNIOR, Antonio. Comissão Especial de Avaliação. 2019. Universidade Federal de Mato Grosso do Sul.

VALE, Ana Rute Do;CLEPS JUNIOR, J.; HESPANHOL, Rosângela Aparecida de Medeiros. Banca Examinadora do Conscurso Público de Provas e Títulos para Professor Adjunto. 2008. Universidade Federal de Alfenas.

CLEPS JUNIOR, J.; CALAÇA, Manoel; MARAFON, Gláucio José. Concurso Público de Provas e Títulos para o Magistério Superior - Área de Geografia Humana e Prática de Ensino em Geografia. 2005. Universidade Federal de Uberlândia.

CLEPS JUNIOR, J.. Banca Examinadora de Concurso Público para o Cargo de Professor Adjunto. 2002. Universidade Federal de Goiás.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

José Jorge Gebara

GEBARA, Jose Jorge. Tese Doutorado. 1998. Tese (Doutorado em Geociências e Meio Ambiente) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Vera Mariza Henriques de Miranda Costa

COSTA, V. M. H. M.; GEBARA, J. J.; SANCHES, M. C.;MAZZALI, L.; PESSOA, V. L. S.. Dinâmica e Estratégias do Setor Agroindustrial no Cerrado: O Caso do Triângulo Mineiro. 1998. Tese (Doutorado em Geografia - Organização do Espaço [Rio Claro]) - Universidade Estadual Paulista.

Vera Mariza Henriques de Miranda Costa

COSTA, V. M. H. M.; BRAY, S. C.. Dinâmica da Expansão Recente da Agroindústria do Cerrado Brasileiro: As Principais Estratégias das Empresas. 1997. Exame de qualificação (Doutorando em Geografia - Organização do Espaço [Rio Claro]) - Universidade Estadual Paulista.

Vera Lucia Salazar Pessoa

COSTA, Vera Mariza Henriques de Miranda; GEBARA, José Jorge; MAZALLI, Leonel; SANCHEZ, Miguel Cezar;PESSÔA, V. L. S.. Dinâmica e estratégias do setor agroindustrial no cerrado: o caso do Triângulo Mineiro. 1998. Tese (Doutorado em Geografia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Orientou

Caroline Cristina Ferreira dos Santos

Caminhos e Descaminhos da Reforma Agrária No Triângulo Mineiro: a busca pela autonomia e segurança alimentar no assentamento Celso Lúcio Moreira da Silva/PA Carinhosa; Início: 2019; Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; (Orientador);

Tony Garcia Silva

Formação de Identidade e Capital Social no Desenvolvimento da Agricultura: uma análise da pequena produção rural familiar na região do Triângulo Mineiro; Início: 2020; Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia; (Orientador);

Patricia Santos

Os Efeitos da Territorialização do Agronegócio Sucroenergético no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba no Pós-2008; Início: 2020; Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia; (Orientador);

Fabiana Borges Victor

A Mídia e o Agrário em Questão no Estado de Minas Gerais: construção e desconstrução de consensos; Início: 2017; Tese (Doutorado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia; (Orientador);

Ricardo Luís de Freitas

Movimento dos Atingidos pela Reforma Agrária de Mercado - MARAM: suas ações para o fortalecimento dos mutuários do Projeto Banco da Terra no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba; Início: 2016; Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia; (Orientador);

Natália Lorena Campos

Início: 2020; Universidade Federal de Uberlândia, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior;

Ana Sarah dos Passos

Terra, Modernidade e Conflitos Agrários: efeitos da territorialização do Agronegócio Sucroenergético no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba no pós-2000; Início: 2020; Iniciação científica (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; (Orientador);

Patricia Santos

Agronegócio e Controle de Terras por Agentes Estrangeiros no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba: o grupo Bunge Açúcar e Bioenergia; 2019; Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais; Orientador: Joao Cleps Junior;

Izabel Beatriz Rodrigues de Moura

Conflitos Socioambientais na Unidade de Conservação Parque Nacional da Serra do Cipó, Minas Gerais; 2018; Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais; Orientador: Joao Cleps Junior;

Kênia Larissa Santos

A Luta pela Terra no Sudeste Goiano: O Assentamento Olga Benário de Ipameri (GO) pela narrativa de agentes pastorais da Comissão Pastoral da Terra - CPT; 2018; Dissertação (Mestrado em Geografia ( Campus Catalão )) - Universidade Federal de Goiás, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Joao Cleps Junior;

Michelle Cristina Martins Ramos

O Fechamento das Escolas e a Dependência do Transporte Escolar Rural em Catalão (GO); 2018; Dissertação (Mestrado em Geografia ( Campus Catalão )) - Universidade Federal de Goiás, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Joao Cleps Junior;

Ramon de Souza Oliveira

O Circuito Espacial da Produção do Café a partir do Município de Patrocínio/Minas Gerais; 2018; Dissertação (Mestrado em Geografia ( Campus Catalão )) - Universidade Federal de Goiás, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Joao Cleps Junior;

Daise Jesus de Moura

A Associação Camponesa de Produção da Reforma Agrária do Município de Uberlândia - ACAMPRA: desafios e perspectivas do acesso às políticas públicas na Reforma Agrária; 2017; Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Joao Cleps Junior;

Fabiana Borges Victor

Conflitos Socioespaciais no Campo Brasileiro: conteúdo das manifestações de luta pela terra em Minas Gerais no início do século XXI; 2016; Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Joao Cleps Junior;

Ricardo Luís de Freitas

Movimento dos Atingidos pela Reforma Agrária de Mercado ? MARAM: conquistas e desafios dos mutuários do Projeto Banco da Terra no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba; 2015; Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Maria Eleusa da Mota

Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra ? MST e a Escola Nacional Florestan Fernandes ? ENFF: a construção da Educação do Campo no Brasil; 2015; Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Jéssica Cristina Garcia

Políticas Públicas e Desenvolvimento Territorial Rural: efeitos dos programas sociais e agrários na busca pela consolidação da Reforma Agrária em Uberlândia-MG; 2015; Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia,; Orientador: Joao Cleps Junior;

Valentina Montealegre Melo

Entre as Vias de Facto e as Vias de Direito: Ordenamento territorial camponês como proposta de reforma agrária na Colômbia; 2015; Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Joao Cleps Junior;

Natália Lorena Campos

Redes do Agronegócio Canavieiro: a territorialização do Grupo Tércio Wanderley no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba-MG; 2014; Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Joao Cleps Junior;

Wesley Alves Vieira

A Territorialização do MST no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba e o Assentamento Emiliano Zapata no Contexto das Políticas Públicas: (des)encontros, desafios e conquistas; 2014; Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia,; Orientador: Joao Cleps Junior;

Lucimeire de Fátima Cardoso

A Luta pela Terra e na Terra: desafios e perspectivas do cooperativismo - Fazenda São Domingos, Tupaciguara (MG); 2012; Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Andrêza Gomes de Souza

A Territorialização do Agronegócio Canavieiro em Frutal (MG); 2012; Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Natalya Dayrell de Carvalho

Luta pela Terra no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba: a trajetória dos movimentos e organizações sociais na construção do território; 2011; Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia,; Orientador: Joao Cleps Junior;

Geraldo Inácio Martins

As Tramas da Des(Re)Territorialização Camponesa: a reinvenção do território veredeiro no entorno do Parque Nacional Grande Sertão-Veredas, Norte de Minas Gerais; 2011; Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Joao Cleps Junior;

Raphael Medina Ribeiro

Questão Agrária e Territórios em Disputa: embates políticos entre agronegócio e agricultura camponesa/familiar - Década de 2000; 2009; Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia,; Orientador: Joao Cleps Junior;

Eduardo Rozetti de Carvalho

Transformações Socioterritoriais do Capital Sucroalcooleiro em Iturama, Pontal do Triângulo Mineiro; 2009; Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Antonio Maurílio Alencar Feitosa

A Luta pela Terra no Norte de Minas e o Processo de Territorialização do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra - MST; 2008; 0 f; Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia,; Orientador: Joao Cleps Junior;

Priscilla Caires Santana Afonso

Gestão e Disputa pela Água na Sub-Bacia do Riachão, Montes Claros/MG; 2008; 0 f; Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais; Orientador: Joao Cleps Junior;

Edione Raquel Fockink

Produção Rural Familiar em Jataí/GO; 2007; 0 f; Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Cristiano Barbosa

Territórios de Vida e Trabalho dos Pequenos Produtores de Queijo da Serra da Canastra: um estudo sobre a relação entre produção camponesa e espaços protegidos das nascentes do Rio São Francisco, Minas Gerais; 2007; 0 f; Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Joao Cleps Junior;

Ízula Luiza Pires Bacci Pedroso

Produção Familiar e Associativismo: modos de vida e reprodução socioeconômica da comunidade rural de Taquaruçu Grande, Palmas (TO); 2006; 145 f; Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia,; Orientador: Joao Cleps Junior;

Luciene Xavier de Maria

O Programa Bolsa de Parceria e Arrendamento de Terras e o Processo de (Re)ocupação Produtiva no Cerrado Mineiro: o caso de Uberaba e Uberlândia; 2005; 145 f; Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Joao Cleps Junior;

Delmar Ottobeli

Modernização Agrícola e Transformações Socioespaciais de Caldas Novas (GO); 2005; 137 f; Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia,; Orientador: Joao Cleps Junior;

Renata Mainenti Gomes

Ofensiva do Capital e transformações no Mundo Rural: a resistência camponesa e a luta pela terra no Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba; 2004; 251 f; Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Joao Cleps Junior;

Márcia Cristina Bergamim

Agricultura Familiar no Espírito Santo: constituição, modernização e reprodução socieconômica; 2004; 0 f; Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Sidivan Aparecido Resende

Entre o Rural e o Urbano: a agricultura urbana em Uberlândia (MG); 2004; 132 f; Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Andréa Maria Narciso Rocha de Paula

Integração dos Migrantes Rurais no Mercado de Trabalho em Montes Claros, Norte de Minas Gerais; 2003; 164 f; Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia,; Orientador: Joao Cleps Junior;

Luiza Maria Capanema Bezerra

Agricultura Familiar em Orizona (GO): a Associação dos Pequenos Agricultores de Mata Velha, Água Grande e Coqueiros - APAMAC; 2003; 121 f; Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia,; Orientador: Joao Cleps Junior;

Helen Patricia Vieira Maia

Vale do Jequetinhonha: a atuação da SUDENE/ADENE e do Banco do Nordeste em Capelinha (MG); 2002; 139 f; Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia,; Orientador: Joao Cleps Junior;

Djalma Ferreira Pelegrini

Transformações na Suinocultura Brasileira: o programa de integração da Rezende Alimentos/ Sadia no Triângulo Mineiro/ Alto Paranaíba; 2001; 0 f; Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia,; Orientador: Joao Cleps Junior;

Vanderlei Mendes de Oliveira

Agroindústria e Produção Rural Integrada: um estudo sobre a avicultura no Triângulo Mineiro/ Alto Paranaíba; 2000; 0 f; Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Joao Cleps Junior;

Natália Lorena Campos

Internacionalização do Capital no Setor Sucroenergético do Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba: Estratégias Políticas e Territoriais; 2019; Tese (Doutorado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Joao Cleps Junior;

Mário Júnior de Carvalho Arnaud

As ações do Estado e dos movimentos socioterritoriais em conflitos na reserva extrativista ?Verde para Sempre? em Porto de Moz, estado do Pará; 2019; Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia,; Orientador: Joao Cleps Junior;

Geraldo Inácio Martins

Conservação da Natureza e Modulação do Espaço: Políticas Ambientais de Conservação e Planejamento Biorregional no Mosaico Sertão Veredas- Peruaçu; 2016; Tese (Doutorado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia,; Orientador: Joao Cleps Junior;

Ana Alice Bezerra Pinto Damas Garlipp

Políticas Públicas e Transformações Socioespaciais no Norte de Minas Gerais: um estudo do Território da Cidadania Serra Geral; 2015; Tese (Doutorado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia,; Orientador: Joao Cleps Junior;

Priscilla Caires Santana Afonso

Usos e Gestão das Águas nas Territorialidades das Comunidades Rurais do Norte de Minas Gerais; 2013; Tese (Doutorado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais; Orientador: Joao Cleps Junior;

Airton Sieben

Estado e Política Energética: a desterritorialização da Comunidade rural de Palmatuba em Babaçulândia (TO) pela Usina Hidrelétrica Estreito; 2012; Tese (Doutorado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Joao Cleps Junior;

Celbo Antonio da Fonseca Rosas

A (Des)Construção da Dicotomia Rural-Urbano no Extremo Noroeste Paulista; 2010; 0 f; Tese (Doutorado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia,; Orientador: Joao Cleps Junior;

Gilberto José Faria de Queiroz

Modernização Agrícola e Transformações Socioespaciais em Goiás: Desigualdades e concentração no desenvolvimento regional no período 1930-2007; 2010; 0 f; Tese (Doutorado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia,; Orientador: Joao Cleps Junior;

Claudecir Gonçales

Políticas Públicas, Modernização dos Cerrados e o Complexo Soja no Sul Goiano: 1970-2005; 2008; 0 f; Tese (Doutorado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia,; Orientador: Joao Cleps Junior;

Estevane de Paula Pontes Mendes

A Produção Rural Familiar em Goías: as comunidades rurais em Catalão; 2005; 321 f; Tese (Doutorado em Geografia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Coorientador: Joao Cleps Junior;

Evandro César Clemente

2018; Universidade Federal de Uberlândia, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Joao Cleps Junior;

Pabel Camilo Lopez Flores

2017; Universidade Federal de Uberlândia, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Joao Cleps Junior;

Airton Sieben

Políticas de Desenvolvimento Territorial Tocantinense: A UHE Estreito e o significado da barragem para os camponeses tradicionais desterritorializados de Palmatuba (Babaçulândia/TO); 2015; Universidade Federal de Uberlândia, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Joao Cleps Junior;

Federico Lazaro Sulroca Dominguez

2014; Universidade Federal de Uberlândia, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Joao Cleps Junior;

ERALDO DA SILVA RAMOS FILHO

2010; Universidade Federal de Uberlândia, Consejo Latinoamericano de Ciencias Sociales; Joao Cleps Junior;

Maria Eleusa da Mota

Questão Agrária e Educação do Campo no Triângulo Mineiro; 2013; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Educação e Linguagens nas Escola) - Universidade de Brasília; Orientador: Joao Cleps Junior;

Gleides Márcia Pereira

Nestlé - A Multinacional do Setor Leiteiro: o caso de Ibiá, Minas Gerais; 1999; 0 f; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Pós Graduação Lato Sensu Em Geografia Humana Nível) - Universidade do Triângulo Mineiro; Orientador: Joao Cleps Junior;

João Donizeti Franco Faria

A Reforma Agrária no Brasil: avaliação e perspectivas; 1998; 0 f; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Pós Graduação Lato Sensu Em Geografia Humana Nível) - Universidade do Triângulo Mineiro; Orientador: Joao Cleps Junior;

Ariovaldo Gustavo da Costa

Os Conjuntos Habitacionais e a sua Contribuição no Processo de Apropriação e Construção do Espaço Urbano Maringaense; 1991; 0 f; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Geografia) - Universidade Estadual de Maringá; Orientador: Joao Cleps Junior;

Sofia Marques Fernandes

A (Re) Produção do Espaço Urbano de Maringá-PR: o caso da zona 7; 1991; 0 f; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Geografia) - Universidade Estadual de Maringá; Orientador: Joao Cleps Junior;

Daise Jesus de Moura

Conflitos no Campo e Ações dos Movimentos Socioterritoriais em Minas Gerais, 1986-2014; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

João George Moreira

O Programa Nacional de Alimentação Escolar e sua Contribuição no Desenvolvimento do Projeto de Assentamento Emiliano Zapata, em Uberlândia-MG; 2015; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Agronomia) - Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Elieber Alves Simao

Políticas de Desenvolvimento Rural e Práticas Agroecológicas na Agricultura Familiar em Uberlândia (MG); 2015; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Geografia - Licenciatura Ou Bacharelado) - Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Fabiana Borges Victor

Da Resistência à Conquista da Terra: as formas de manifestações de luta pela terra em Minas Gerais; 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Jéssica Cristina Garcia

Conflitos e Práticas de Usos da Água pelos Agricultores em Projetos de Reforma Agrária: (in)segurança hídrica nos PA?s Florestan Fernandes, Zumbi dos Palmares, Nova Tangará e Dom José Mauro (Uberlândia-MG); 2013; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Ricardo Luís de Freitas

Estratégias de luta pela terra e políticas de assentamentos rurais em Minas Gerais ((1985-2012); 2013; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Wesley Alves Vieira

Geografia dos Conflitos Agrários em Minas Gerais; 2012; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Geografia - Licenciatura Ou Bacharelado) - Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Natália Lorena Campos

Expansão Canavieira e Impactos Socioespaciais da Produção de Agrocombustível no Triângulo Mineiro (1980-2011); 2011; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Danielle Fabiane da Silva

Do Sonho da Terra ao Pesadelo da Dívida: o Programa Banco da Terra em Uberlândia (Assentamento Campo Brasil); 2011; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Humberto Tomaz Gonzaga

A Espacialização da Luta pela Terra no Triângulo Mineiro/Alto Parnaíba (1986-2007); 2010; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Andrêza Gomes de Souza

Os Novos Territórios do Etanol: transformações da expansão da cana-de-açúcar em Campo Florido/MG; 2010; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Luciana Carvalho e Souza

Políticas Públicas, Desenvolvimento Agrário e Desafios no Pós-Conquista da Terra: a criação de assentamentos rurais no Triângulo Mineiro/ Alto Paranaíba (1986-2009); 2010; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais; Orientador: Joao Cleps Junior;

Lucimeire de Fátima Cardoso

Assentamentos Rurais: desafios de conquista e permanência na terra, P; A; Fazenda Nova Tangará, Uberlândia/MG; 2009; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Carlos Augusto Ribeiro Ferreira Braga

O Programa Nacional de Produção e Uso de Biodiesel (PNPB) e os Desafios da Inclusão da Agricultura Familiar no Brasil; 2008; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Fernanda Massuda

O Biodiesel e a Inclusão Social da Agricultura Familiar em Áreas de Assentamento Rural; 2008; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Eduardo Rozetti Carvalho

A Luta pela Terra na Região do Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba: da criação dos movimentos socioterritoriais aos assentamentos rurais (1995-2005); 2007; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Raphael Medina Ribeiro

A Dimensão Sócio-Cultural da Agricultura Camponesa: propriedade, trabalho e família entre os pequenos proprietários da Comunidade Rural de Sobradinho, Uberlândia-MG; 2006; 85 f; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Altemir Rodrigues Silvério

A Modernização do Setor Leiteiro no Triângulo Mineiro: a Cooperativa dos Produtores Rurais de Prata - COOPRATA; 2005; 75 f; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Paulo Henrique de Melo

Transformações na Produção Leiteira no Triângulo Mineiro: o caso da Cooperativa de Patos de Minas - COOPATOS; 2004; 72 f; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Fredy Ravazzi Lima

Agricultura Familiar no Município de Uberlândia (MG): o caso do Conselho Comunitário de Desenvolvimento Rural Olhos D'água; 2004; 65 f; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Sara de Oliveira

Caracterização Agropecuária da Região do Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba: uma avaliação do desenvolvimento regional no período 1985-2002; 2004; 87 f; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Simeào Garcia Rosa

Infra-Estrutura como Fator de Desenvolvimento Social, Econômico e Sustentável nos Projetos de Assentamento de Reforma Agrária: o caso do PA Divisa, Ituiutaba - MG; 2004; 38 f; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Ana Carolina Maywald

A Urbanização do Meio Rural em Uberlândia (MG): Chácaras Valparaiso; 2003; 70 f; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Marcos Antonio Ramos

A Dinâmica da Cadeia Produtiva do Café no Brasil e a Representação de Interesses da Cafeicultura no Cerrado: o caso da Associação dos Cafeicultores de Araguari (MG); 2003; 57 f; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Wanderléia Aparecida de Oliveira Gobbi

Agricultura, Meio Ambiente e Gestão das Águas na Bacia do Rio Araguari - MG; 2002; 77 f; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Renata Mainenti Gomes

Terra, Exclusão e Resistência: uma reflexão sobre a questão agrária brasileira; 2002; 96 f; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Ciências Sociais) - Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Francilane Eulália de Souza

Estratégias Agroindustriais das Empresas do Complexo Grãos e Carnes na Região do Triângulo Mineiro; 2000; 0 f; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Vanderli Pinheiro da Silva

Politicas de Desenvolvimento Rural Local em Uberlândia (MG); 2000; 0 f; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Rosa Mônica Aparecida da Silva

Política de Assistencia Técnica e Produção Familiar na Perspectiva do Desenvolvimento Rural em Uberlândia (MG); 2000; 0 f; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Valquíria Borges da Silva

Desenvolvimento Rural e Políticas para a Produção Familiar no Município de Monte Alegre de Minas e Uberlândia (MG); 2000; 0 f; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Ada Borges Custodio

A Pequena Produção Familiar em Uberlândia, Triângulo Mineiro; 1997; 0 f; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Carlos Alberto Borges Faria

O Complexo Avícola Brasileiro, da Constituição à Integração: o caso da Rezende Alimentos; 1997; 0 f; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Francisco Faustino de Araujo

O Bóia-Fria na Cultura do Abacaxi em Monte Alegre de Minas (MG); 1997; 0 f; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Murilo José de Sousa Pires

O Complexo Agroindustrial do Setor de Oleaginosas no Triângulo Mineiro; 1996; 0 f; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Vanderlei Mendes de Oliveira

A Trajetória do Complexo Avícola e seus Impactos na Produção Integrada em Uberlândia (MG); 1996; 0 f; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Karen Regina Silva Costa

Políticas Públicas para a Agricultura Familiar no Brasil: desafios dos assentamentos de Reforma Agrária na região do Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba; 2019; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Cairo Roberto Boaventura Júnior

Terra, Modernidade e Conflitos Agrários: efeitos da territorialização do Agronegócio Sucroenergético no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba no pós-2000; 2019; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Mônica Cipriano Sousa Brandão

Políticas Públicas para Agricultura Familiar e Camponesa e seus Alcances na Reforma Agrária: as experiências dos assentamentos rurais do Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba; 2018; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Bianca de Souza Rocha

Políticas Públicas para Agricultura Familiar e Camponesa e seus Alcances na Reforma Agrária: as experiências dos assentamentos rurais do Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba; 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Gledmar Pires de Moura

Agricultura Familiar, Agronegócio e Território: as novas faces da modernização do campo e os rumos do mundo rural mineiro; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Alison Nascimento Teixeira

Reforma Agrária e os Conflitos no Campo em Minas Gerais: Pesquisa DATALUTA; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Bianca de Souza Rocha

Agricultura Familiar, Agronegócio e Território: as novas faces da modernização do campo e os rumos do mundo rural mineiro; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Leandro Jamerson Fonseca

Território e Agronegócio em Minas Gerais: produção de agrocombustível e disputas territoriais; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Federal de Uberlândia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais; Orientador: Joao Cleps Junior;

Daise Jesus de Moura

Agronegócio e Territórios em Disputa em Minas Gerais: os rumos do campesinato e da Reforma Agrária no Início do Século XXI; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais; Orientador: Joao Cleps Junior;

Alison Nascimento Teixeira

Estado, Reforma Agrária e Territórios em Disputa em Minas Gerais: a produção de agrocombustíveis e os conflitos no campo; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Jéssica Ferreira Araújo

Agricultura Familiar e o Agronegócio Sucroenergético: o território em disputa; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais; Orientador: Joao Cleps Junior;

Fabiana Borges Victor

Questão Agrária, Território e Agronegócio em Minas Gerais: as disputas territoriais na produção de agroenergia no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Daise Jesus de Moura

Conflitos no Campo em Minas Gerais: Estudos do Banco de Dados da Luta pela Terra - DATALUTA; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais; Orientador: Joao Cleps Junior;

Raquel do Nascimento Neder

As práticas de Gestão dos Recursos Hídricos em Projetos de assentamentos Rurais no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba: alternativas para a inovação de técnicas ambientalmente sustentáveis e economicamente viáveis; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Jéssica Cristina Garcia

Inovações Tecnológicas e Práticas de Gestão da Água na Agricultura em Projetos de Reforma Agrária no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Ricardo Luís de Freitas

Questão Agrária, Território e Agronegócio em Minas Gerais: as disputas territoriais na produção de agroenergia no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Daise Jesus de Moura

Geografia dos Conflitos no Campo em Minas Gerais: pesquisa, metodologias e estudos dos conflitos no campo em Minas Gerais; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais; Orientador: Joao Cleps Junior;

Raquel do Nascimento Neder

Inovações Tecnológicas e Práticas de Gestão da Água na Agricultura em Projetos de Reforma Agrária no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia - Licenciatura Ou Bacharelado) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Fabiana Borges Victor

Questão Agrária, Território e Agronegócio em Minas Gerais: as disputas territoriais na produção de agroenergia no TriânguloMineiro/Alto Paranaíba; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Fabiana Borges Victor

Geografia dos Conflitos no Campo em Minas Gerais: pesquisa, metodologias e estudos dos conflitos no campo em Minas Gerais; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Danielle Fabiane da Silva

Impactos Regionais dos Assentamentos Rurais: o papel da agricultura familiar e camponesa no Triângulo Mineiro; 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais; Orientador: Joao Cleps Junior;

Jéssica Cristina Garcia

Práticas de Gestão da Água e Inovações Tecnológicas na Agricultura em Projetos de Reforma Agrária no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba; 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Ricardo Luís de Freitas

A Produção de Agrocombustível no Centro-Sul: reprodução de capitais e impactos socioterritoriais em Minas Gerais; 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Danielle Fabiane da Silva

A Geopolitica da Reforma Agrária de Mercado no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba: a atuação do MARAM (Movimento dos Atingidos pela Reforma Agrária de Mercado); 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais; Orientador: Joao Cleps Junior;

Wesley Alves Vieira

Geografia dos Conflitos no Campo em Minas Gerais: pesquisas, metodologias e estudos a partir do Banco de Dados da Luta pela Terra - DATALUTA; 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Natália Lorena Campos

As Políticas de Produção de Agrocombustível e Reprodução do Capital Canavieiro no Triângulo Mineiro; 2011; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Luciana Carvalho e Souza

Impactos Regionais dos Assentamentos Rurais: Banco de Dados da Luta pela Terra - DATALUTA-MG; 2011; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais; Orientador: Joao Cleps Junior;

Ricardo Luís de Freitas

A Produção de Agrocombustível no Centro-Sul: reprodução de capitais e impactos socioterritoriais em Minas Gerais; 2011; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Andrêza Gomes de Souza

A Expansão da Agroindústria Canavieira no Triângulo Mineiro e os Impactos sobre a Produção Familiar e o Trabalho Rural; 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Natália Lorena Campos

Campesinato e Agronegócio: impactos territoriais e sobre o trabalho rural no Triângulo Mineiro; 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Luciana Carvalho e Souza

Impactos Regionais dos Assentamentos Rurais no Triângulo Mineiro: Banco de Dados da Luta pela Terra - DATALUTA; 2009; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais; Orientador: Joao Cleps Junior;

Andrêza Gomes de Souza

A Dinâmica Agroindustrial Canavieira no Triângulo Mineiro e os Efeitos sobre a Agricultura Familiar, o Trabalho Rural e a Produção de Alimentos; 2009; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Lucimeire de Fátima Cardoso

REFORMA AGRÁRIA E MOVIMENTOS SOCIOTERRITORIAIS EM MINAS GERAIS: A CONSTRUÇÃO DE NOVOS ESPAÇOS DE LUTA E TRABALHO NOS ASSENTAMENTOS RURAIS DO TRIÂNGULO MINEIRO; 2008; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais; Orientador: Joao Cleps Junior;

Luciana Carvalho e Souza

TERRITORIALIZAÇÃO DO CAPITAL E LUTA PELA TERRA EM MINAS GERAIS: UMA PESQUISA SOBRE OS MOVIMENTOS SOCIOTERRITORIAIS DO TRIÂNGULO MINEIRO; 2008; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais; Orientador: Joao Cleps Junior;

Eduardo Rozetti de Carvalho

Territorialização do Capital e Luta pela Terra em Minas Gerais: uma pesquisa sobre os movimentos socioterritoriais do Triângulo Mineiro - Projeto DATALUTA; 2007; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Carla Buiatti Cruz

TERRITORIALIZAÇÃO DO CAPITAL E LUTA PELA TERRA EM MINAS GERAIS: UMA PESQUISA SOBRE OS MOVIMENTOS SOCIOTERRITORIAIS DO TRIÂNGULO MINEIRO; 2007; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais; Orientador: Joao Cleps Junior;

Lucimeire de Fátima Cardoso

VIABILIDADES DA ORGANIZAÇÃO COLETIVA EM ASSENTAMENTOS DE REFORMA AGRÁRIA EM MINAS GERAIS: AVALIAÇÃO DE EXPERIÊNCIAS E DE EMPREENDIMENTOS ECONÔMICOS SOLIDÁRIOS; 2007; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais; Orientador: Joao Cleps Junior;

Andrêza Gomes de Souza

TERRITORIALIZAÇÃO DA LUTA PELA TERRA EM MINAS GERAIS: PROJETO DATALUTA; 2007; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Eduardo Rozetti de Carvalho

Territorialização do Capital e Luta pela Terra em Minas Gerais: uma pesquisa sobre os movimentos socioterritoriais do Triângulo Mineiro - Projeto DATALUTA; 2006; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Lucimeire de Fátima Cardoso

ALTERNATIVAS E VIABILIDADES DA ECONOMIA POPULAR SOLIDÁRIA EM PROJETO DE ASSENTAMENTO RURAL: AVALIAÇÃO DA EXPERIÊNCIA DA FAZENDA NOVA TANGARÁ, UBERLÂNDIA (MG); 2006; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais; Orientador: Joao Cleps Junior;

Carla Buiatti Cruz

TERRITORIALIZAÇÃO DO CAPITAL E LUTA PELA TERRA EM MINAS GERAIS: PROJETO DATALUTA; 2006; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais; Orientador: Joao Cleps Junior;

Raphael Medina Ribeiro

Trabalho Familiar e Territorialização da Luta pela Terra em Minas Gerais; 2005; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Raphael Medina Ribeiro

A DIMENSÃO SOCIOCULTURAL DA AGRICULTURA FAMILIAR: PROPRIEDADE, TRABALHO E FAMÍLIA ENTRE OS PRODUTORES DA COMUNIDADE RURAL DE SOBRADINHO (UBERLÂNDIA-MG); 2005; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Lilian Carla Moreira Bento

Reforma Agrária e Democracia: luta pela terra e a realidade dos assentamentos rurais no Triângulo Mineiro; 2002; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais; Orientador: Joao Cleps Junior;

Roberto Reis Alves

Novas Ruralidades no Desenvolvimento Agrícola do Triângulo Mineiro; 2002; 20 f; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Graciely de Lima Oliveira

Desenvolvimento Local e Agricultura Familiar: a comunidadede rural de Piracaíba, Araguari (MG); 2002; 20 f; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Renata Mainenti Gomes

Reforma Agrária e Democracia: a luta pela terra e a realidade dos assentamentos rurais no Triângulo Mineiro; 2001; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências Sociais) - Universidade Federal de Uberlândia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais; Orientador: Joao Cleps Junior;

Marcílio Marchesini Ferrari

Agroindústria e Produção Rural Integrada no Contexto do Desenvolvimento Sustentável do Cerrado; 2001; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Graciely de Lima Oliveira

Novas Ruralidades no Desenvolvimento Agrícola do Triângulo Mineiro; 2001; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Roberto Reis Alves

Novas Ruralidades no Desenvolvimento Agrícola do Triângulo Mineiro; 2001; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Francilane Eulália de Souza

Dinâmica Agrícola e Novas Estratégias das Empresas do Complexo Grãos e Carnes na Mesorregião do Triângulo Mineiro/ Alto Paranaíba; 2000; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Sandra da Silva Oliveira

Dinâmica Agrícola e Novas Estratégias das Empresas Ligadas a Cadeia de Frutas e Vegetais Tropicais no Triângulo Mineiro: o caso da Maguary S/A, de Araguari (MG); 2000; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Sandra da Silva Oliveira

Dinâmica Agrícola e Novas Estratégias das Empresas no Cerrado: um estudo sobre o sistema de produção agroindustrial integrada na região do Triângulo Mineiro/ Alto Paranaíba; 1998; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Francilane Eulália de Souza

Dinâmica Agrícola e Novas Estratégias das Empresas no Cerrado: um estudo sobre o sistema de produção agroindustrial integrada na região do Triângulo Mineiro/ Alto Paranaíba; 1998; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Vanderlei Mendes de Oliveira

Política Rural e Pequena Produção Familiar em Uberlândia (MG); 1996; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Ada Borges Custodio

Política Rural e Pequena produção Familiar em Uberlândia; 1996; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Lucemeire da Silva Costa

Sustentabilidade do Sistema Agroalimentar no Domínio dos Cerrados; 1996; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Ada Borges Custodio

Sistemas de Produção na Mandiocultura e Poluição das Águas na Bacia do Rio Ivaí - Noroeste do Paraná; 1994; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Fernando César Franco

Sistemas de Produção na Mandiocultura e Poluição das Águas na Bacia do Rio Ivaí - Noroeste do Paraná; 1993; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Kênia Cristina Rosa

Sistemas de Produção na Mandiocultura e Poluição das Águas na Bacia do Rio Ivaí - Noroeste do Paraná; 1993; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

André Luis Sabino

Sistemas de Produção na Mandiocultura e Poluição das Águas na Bacia do Rio Ivaí - Noroeste do Paraná; 1992; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Estadual de Maringá, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Tânia Brasilia Fernandes Santos

Sistemas de produção na Mandiocultura e Poluição das Águas na Bacia do Rio Ivaí - Noroeste do Paraná; 1992; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Estadual de Maringá, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Pedro Manoel Severino

O Êxodo Rural e o Crescimento Urbano de Marialva-PR, após 1970; 1991; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Geografia) - Universidade Estadual de Maringá, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Jahdy Andrade de Brito

DATALUTA - Banco de Dados da Luta pela Terra (Minas Gerais); 2018; Orientação de outra natureza; (Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

VINICIUS FERNANDES ALVES

DATALUTA - Banco de Dados da Luta pela Terra (Minas Gerais); 2018; Orientação de outra natureza; (Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Etztli Itzel Morales Reyes

Educacion Ambiental Popular para el Manejo Sustentable de Recursos Naturales en Progreso Hidalgo: un enfoque ambiental a la agricultura comercial; 2014; Orientação de outra natureza - Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Márcia Carolina Silva

DATALUTA - Banco de Dados da Luta pela Terra; 2014; Orientação de outra natureza; (Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Andre Luis Ferreira Lima

Território e Agronegócio em Minas Gerais: produção de agrocombustível e disputas territoriais; 2014; Orientação de outra natureza - Universidade Federal de Uberlândia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais; Orientador: Joao Cleps Junior;

César Augusto de Castro Brito

Conflitos e Práticas de Gestão da Água em Projetos de Reforma Agrária na Região do Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba; 2014; Orientação de outra natureza; (Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Alison Nascimento Teixeira

Conflitos e Práticas de Gestão da Água em Projetos de Reforma Agrária na Região do Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba; 2014; Orientação de outra natureza; (Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Raíssa Camin Franco

DATALUTA - Banco de Dados da Luta pela Terra; 2014; Orientação de outra natureza; (Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Márcia Carolina Silva

DATALUTA: Banco de Dados da Luta pela Terra [Minas Gerais]; 2013; Orientação de outra natureza; (Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Natália Lorena Campos

Agrocombustível e Soberania Alimentar: desenvolvimento territorial e novas fronteiras da reprodução do capital sucroalcooleiro nos cerrados de Minas Gerais; 2012; Orientação de outra natureza; (Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais; Orientador: Joao Cleps Junior;

Fabiana Borges Victor

Territorialização do Capital e Luta pela Terra em Minas Gerai; 2011; Orientação de outra natureza; (Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Danielle Fabiane da Silva

Agricultura Familiar como Base para o Desenvolvimento Territorial Local e Sustentável: avaliando experiências de Projetos de Reforma Agrária no Triângulo Mineiro; 2010; Orientação de outra natureza; (Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Ricardo Luís de Freitas

Agricultura Familiar como Base para o Desenvolvimento Territorial Local e Sustentável: avaliando experiências de Projetos de Reforma Agrária no Triângulo Mineiro; 2010; Orientação de outra natureza; (Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Fabiana Borges Victor

Territorialização do Capital e Luta pela Terra em Minas Gerais: uma pesquisa sobre os movimentos socioterritoriais no Triângulo Mineiro; 2010; Orientação de outra natureza; (Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Humberto Tomaz Gonzaga

Políticas Públicas e Territorialização da Reforma Agrária em Minas Gerais; 2009; Orientação de outra natureza; (Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Natália Lorena Campos

Banco de dados da Luta pela Terra - DATALUTA; 2009; Orientação de outra natureza - Universidade Federal de Uberlândia, Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Gilberta Maria Pires de Oliveira e Sousa Benedetti

Banco de Dados da Luta pela Terra em Minas Gerais - Projeto DATALUTA; 2008; Orientação de outra natureza; (Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Raphael Medina Ribeiro

Territorialização da Luta pela Terra em Minas Gerais: Projeto DATALUTA; 2007; Orientação de outra natureza; (Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Camilla Ferreira Gouveia

TERRITORIALIZAÇÃO DO CAPITAL E LUTA PELA TERRA EM MINAS GERAIS: UMA PESQUISA SOBRE OS MOVIMENTOS SOCIOTERRIORIAIS DO TRIÂNGULO MINEIRO; 2007; Orientação de outra natureza; (Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Priscila Souza de Carvalho

COOPERATIVISMO E VIABILIDADES DA EMPRESA RURAL COMUNITÁRIA EM PROJETOS DE REFORMA AGRÁRIA: CAPACITAÇÃO DOS ASSENTADOS DA FAZENDA SÃO DOMINGOS, TUPACIGUARA-MG; 2007; Orientação de outra natureza; (Ciências Sociais) - Universidade Federal de Uberlândia, Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Humberto Corraz Gonzaga

COOPERATIVISMO E VIABILIDADES DA EMPRESA RURAL COMUNITÁRIA EM PROJETOS DE REFORMA AGRÁRIA: CAPACITAÇÃO DOS ASSENTADOS DA FAZENDA SÃO DOMINGOS, TUPACIGUARA-MG; 2007; Orientação de outra natureza; (Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Álisson Riceto

Territorialização do Capital e Luta pela Terra em Minas Gerais: uma pesquisa sobre os movimentos socioterritoriais do Triângulo Mineiro; 2006; 0 f; Orientação de outra natureza; (Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Eduardo Rozetti de Carvalho

Territorialização do Capital e Luta pela Terra em Minas Gerais: Projeto DATALUTA; 2005; Orientação de outra natureza; (Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Universidade Federal de Uberlândia; Orientador: Joao Cleps Junior;

Wanderléia Aparecida de Oliveira Gobbi

Dinâmica Rural e Gestão Ambiental na Bacia do Rio Araguari (MG); 2002; 83 f; Orientação de outra natureza - Universidade Federal de Uberlândia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Joao Cleps Junior;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Silvio Carlos Bray

"O Pontal do Paranapanema Paulista: A Incorporação Regional da Periferia do Café"; 1990; Dissertação (Mestrado em Organização do Espaço) - Instituto de Geociencias e Ciencias Exatas,; Orientador: Silvio Carlos Bray;

Mariana Martins Rodrigues de Oliveira

Projeto: Territorização do Capital e Luta pela Terra em Minas Gerais: Banco de Dados da Luta pela Terra - DATALUTA; Início: 2008; Iniciação científica (Graduando em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia; (Orientador);

CARLOS RODRIGUES BRANDAO

2008; Universidade Estadual de Campinas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Carlos Rodrigues Brandão;

Vera Mariza Henriques de Miranda Costa

Dinâmica e Estratégias do Setor Agroindustrial no Cerrado: O Caso do Triângulo Mineiro; 1998; 0 f; Tese (Doutorado em Geografia (Organizacao do Espaco)) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho,; Orientador: Vera Mariza Henriques de Miranda Costa;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • CLEMENTE, Evandro César ; CLEPS JUNIOR, João . Considerações Acerca da Expansão Geográfica do Capital e a Luta pela Terra na Microrregião Geográfica do Sudoeste de Goiás. Revista NERA , v. 23, p. 288-314, 2020.

  • FERNANDES, Bernardo Mançano ; CLEPS JUNIOR, João ; Sobreiro Filho, José ; LEITE, Acácio Zuniga ; SODRE, Ronaldo Barros . A Questão Agrária no Primeiro Ano do Governo Bolsonaro. Boletim DATALUTA , v. 1, p. 2-13, 2020.

  • CLEPS JUNIOR, João . Descaminhos da Reforma Agrária no Contexto das Reformas Neoliberais e da Crise Político-Institucional no Brasil. OKARA : GEOGRAFIA EM DEBATE (UFPB) , v. 12, p. 649-663, 2018.

  • CLEPS JUNIOR, João ; VICTOR, F.B. ; BRITO, Jahdy Andrade ; COSTA, Karen Regina Silva ; ALVES, Vinícius Fernandes . Conjuntura das Lutas Sociais em Minas Gerais no Pós-Golpe de 2016. Boletim DATALUTA , v. 9, p. 1-8, 2018.

  • FERNANDES, B. M. ; COCA, E. L. F. ; CAMPOS, J. F. S. ; CLEPS JUNIOR, J. ; SOBREIRO FILHO, J. ; DANTAS, J. C. . A Questão Agrária na Segunda Fase Neoliberal no Brasil.. Boletim DATALUTA , v. 1, p. 2-18, 2017.

  • MARTINS, G. I. ; CLEPS JUNIOR, J. . Conservação da Natureza e Modulação do Espaço: análise das unidades de conservação do Mosaico Sertão Veredas Peruaçu. Estudos Geográficos (UNESP) , v. 15, p. 184-204, 2017.

  • CLEPS JUNIOR, J. . Descaminhos da Reforma Agrária no Contexto das Reformas Neoliberais e da Crise Institucional no Brasil. Boletim DATALUTA , v. 12, p. 2-13, 2017.

  • OLIVEIRA, Ramon de Souza ; CLEPS JUNIOR, João . A Agricultura Científica Globalizada no Mercado de Cafés Finos no Município de Patrocínio (MG). REVISTA TOCANTINENSE DE GEOGRAFIA , v. 6, p. 83-99, 2017.

  • CLEPS JR., João ; VINHA, J. F. S. C. ; MOURA, D. J. ; VICTOR, F. B. ; FREITAS, R. L. . Análise da Estrutura Fundiária de Minas Gerais: um balanço de duas décadas (1993-2014). Boletim DATALUTA , v. 5, p. 2-8-8, 2016.

  • SIEBEN, Airton ; CLEPS JR., João . A Usina Hidrelétrica Estreito e a Amazônia na Política Energética Brasileira: a desterritorialização dos camponeses ribeirinhos de Palmatuba (TO). Campo - Território , v. 11, p. 433-463, 2016.

  • CLEPS JUNIOR, João . Expansão e Territorialização das Agroindústrias do Setor Sucroenergético em Minas Gerais e o Contexto das Lutas Sociais no Campo. REVISTA GEONORDESTE , v. 27, p. 123-137, 2016.

  • CAMPOS, Natália Lorena ; CLEPS JR., J. . Redes Do Agronegócio Canavieiro: a territorialização do Grupo Tércio Wanderley no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba. Campo - Território , v. 10, p. 221-250, 2015.

  • CLEPS JR., João ; MOURA, D. J. ; VICTOR, F.B. . Jornada Universitária em Defesa da Reforma Agrária: Memória do Massacre de Felisburgo, Minas Gerais. Boletim DATALUTA , v. 90, p. 01-07, 2015.

  • CLEPS JUNIOR, J. ; MOURA, D. J. ; VICTOR, F.B. ; SILVA, M. C. ; FREITAS, Ricardo Luis de . O contexto das lutas sociais do campo nas cidades: mapeamento das manifestações no período de 2000-2012. Boletim DATALUTA , v. 77, p. 1-10, 2014.

  • CLEPS JUNIOR, J. . Disputas Territoriais, Reforma Agrária e Políticas de Criação de Assentamentos Rurais em Minas Gerais. Campo - Território , v. 9, p. 1-18, 2014.

  • FREITAS, Ricardo Luis de ; CLEPS JUNIOR, J. ; CAMPOS, Natália Lorena . O agronegócio canavieiro e suas implicações a partir da década de 1980 no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba - MG. Horizonte Científico (Uberlândia) , v. 7, p. 1-24, 2013.

  • CLEPS JUNIOR, J. ; MOURA, D. J. ; VICTOR, F. B. ; SILVA, M. C. ; FREITAS, R. L. . Conflitos no campo e a Reforma Agrária em Minas Gerais: 1986-2011. Boletim DATALUTA , v. 6, p. 2-13, 2013.

  • MARTINS, Geraldo Inácio ; CLEPS JUNIOR, J. . As Tramas da Des(Re)Territorialização Camponesa:a reinvenção do território veredeiro no entorno do Parque Nacional Grande Sertão-Veredas, Norte de Minas Gerais. Campo - Território , v. 7, p. 134-168, 2012.

  • FREITAS, Ricardo Luis de ; CLEPS JUNIOR, J. . A Territorialização do Setor Sucroenergético e o Agrohidronegócio no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba. Revista Pegada Eletrônica (Online) , v. 13, p. 77-100, 2012.

  • SILVA, Danielle Fabiane da ; CLEPS JUNIOR, J. . A Territorialização da Reforma Agrária de Mercado em Minas Gerais e a Problemática da Implantação do Banco da Terra no Triângulo Mineiro/ Alto Paranaíba. Horizonte Científico (Uberlândia) , v. 6, p. 01-30, 2012.

  • SIEBEN, Airton ; CLEPS JUNIOR, João . Política energética na amazônia: a UHE estreito e os camponeses tradicionais de Palmatuba/Babaçulândia (TO). Sociedade & Natureza (UFU. Online) , v. 24, p. 183-196, 2012.

  • CLEPS JUNIOR, João ; SOUZA, Andrêza Gomes . A Territorialização da Produção Agroindustrial Canavieira na Mesorregião do Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba. Horizonte Científico (Uberlândia) , v. 6, p. 1-22, 2012.

  • FREITAS, Ricardo Luis de ; CAMPOS, Natália Lorena ; CLEPS JUNIOR, João . Expansão do Agronegócio Canavieiro no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba-MG a partir da Década de 1990. Observatorium , v. 4, p. 1-23, 2012.

  • CLEPS JUNIOR, João . Reforma Agrária e Conflitos no Campo em Minas Gerais: contribuições da Pesquisa DATALUTA. Boletim DATALUTA , v. 5, p. 2-7, 2012.

  • GARCIA, G.C ; CLEPS JUNIOR, J. . (In)Segurança Hídrica e o Desafio de Produzir sem Acesso à Água em Assentamentos de Reforma Agrária do Município de Uberlândia-MG. Agrária (São Paulo. Online) , v. 1, p. 63-94, 2012.

  • RIBEIRO, Raphael Medina ; CLEPS JUNIOR, J. . Movimentos Sociais Rurais e a Luta Política Frente ao Modelo de Desenvolvimento do Agronegócio no Brasil. Campo - Território , v. 6, p. 75-112, 2011.

  • CAMPOS, Natália Lorena ; SOUZA, Andrêza Gomes ; CLEPS JUNIOR, J. . Campesinato e Agronegócio: impactos sobre a terra e o trabalho rural no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba. Horizonte Científico (Uberlândia) , v. 5, p. 1-27, 2011.

  • SOUZA, L. C. E. ; CLEPS JUNIOR, J. . Análise Temporal das Políticas de Reforma Agrária: os impactos regionais na criação dos assentamentos rurais no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba. Horizonte Científico (Uberlândia) , v. 5, p. 1-22, 2011.

  • SOUZA, L. C. E. ; GONZAGA, H. C. ; CLEPS JUNIOR, J. . ESPACIALIZAÇÃO DOS ASSENTAMENTOS RURAIS CRIADOS NO ESTADO DE MINAS GERAIS NO PERÍODO DE 1986 A 2007: PERSPECTIVAS E DESAFIOS NO PRÉ E PÓS CONQUISTA DA TERRA. Acta Geografica , p. 177-189, 2010.

  • CAMPOS, Natália Lorena ; CLEPS JUNIOR, J. . Expansão Canavieira e Impactos Sócio-Espaciais da Produção de Agrocombustível no Triângulo Mineiro (1980-2012). Agrária (São Paulo. Online) , v. 1, p. 80-110, 2010.

  • CLEPS JUNIOR, João . Territorialização do Capital no Campo: a atualidade das lutas sociais e os impasses da Reforma Agrária no Brasil. Faz Ciência (UNIOESTE. Impresso) , v. 12, p. 55-72, 2010.

  • CLEPS JR., J. . As ações dos movimentos sociais no campo em 2010. Conflitos no Campo Brasil , v. 1, p. 136-143, 2010.

  • CLEPS JUNIOR, J. . Concentração de Poder no Agronegócio e (Des)Territorialização: os impactos da expansão recente do capital sucroalcooleiro no Triângulo Mineiro. Caminhos de Geografia (UFU) , v. 10, p. 249-264, 2009.

  • CLEPS JUNIOR, J. ; FERNANDES, Bernardo Mançano ; RODRIGUES, Luciene . A Integração dos Dados da Luta pela Terra como Subsídio ao Estudo sobre o Desenvolvimento Socioterritorial: Pesquisa Dataluta. Revista Desenvolvimento Social , v. 03, p. 1-20, 2009.

  • AFONSO, Priscilla Caires Santana ; CLEPS JUNIOR, J. . Agricultura e Gestão da Água no Vale do Riachão - Montes Claros/MG. Revista Desenvolvimento Social , v. 3, p. 1-13, 2009.

  • MUNIZ, S. C. ; AFONSO, Priscilla Caires Santana ; CLEPS JUNIOR, J. . O Norte de Minas Gerais e a Gestão Comunitária da Água. Revista Cerrados (UNIMONTES) , v. 7, p. 23-39, 2009.

  • PEDROSO, Ízula Luiza Pires Bacci ; CLEPS JUNIOR, J. . Produção Familiar e Associativismo: modos de vida e reprodução socioeconômica da Comunidade Rural Taquaruçu Grande, Palmas - TO. Campo.Território , v. 3, p. 162-194, 2008.

  • CARDOSO, Lucimeire de Fátima ; CLEPS JUNIOR, J. . Alternativas e Viabilidades da Economia Popular Solidária em Projeto de Assentamento Rural: avaliação da experiência do P.A. Fazenda Nova Tangará, Uberlândia (MG). Horizonte Científico (Uberlândia) , v. 1, p. 1-21, 2008.

  • MENDES, Estevane de Paula Pontes ; CLEPS JUNIOR, J. . As Transformações Socioespaciais de Goiás: a incorporação de Goiás ao processo produtivo nacional (do século XVII ao XX. Espaço em Revista , v. 7/8, p. 33-51, 2007.

  • RESENDE, Sidivan Aparecido ; CLEPS JUNIOR, J. . A Agricultura Urbana em Uberlândia (MG). Caminhos da Geografia (UFU. Online) , v. 6, p. 191-199, 2006.

  • RIBEIRO, Raphael Medina ; CLEPS JUNIOR, J. . A Dimensão Sociocultural da Agricultura Familiar: propriedade, trabalho e família entre os produtores da Comunidade Rural de Sobradinho (Uberlândia-MG). Horizonte Científico , v. 1, p. 1-30, 2006.

  • BEZERRA, Luiza Maria Capanema ; CLEPS JUNIOR, J. . O Desenvolvimento Agrícola da Região Centro-Oeste e as Transformações no Espaço Agrário do Estado de Goiás. Caminhos da Geografia (UFU. Online) , Uberlândia (MG), v. 2, n.12, p. 29-49, 2004.

  • GONÇALES, Claudecir ; CLEPS JUNIOR, J. . A Importância do Cooperativismo no Desenvolvimento da Região de Rio Verde-GO. Rveconomia (Rio Verde) , Rio Verde, GO, v. 6, n.12, p. 13-16, 2004.

  • BEZERRA, Luiza Maria Capanema ; CLEPS JUNIOR, J. . Associativismo Rural e Agricultura Familiar: o caso de Orizona (GO). Sociedade & Natureza (UFU. Online) , Uberlândia, MG, v. 16, n.31, p. 137-154, 2004.

  • RESENDE, Sidivan Aparecido ; CLEPS JUNIOR, J. ; PESSÔA, Vera Lúcia Salazar . Cooperativismo, Globalização e o Novo Mercado de Frutas e Legumes Frescos: (re) estruturação da cooperativa de produtores hortigranjeiros (MercoUberlândia). Caminhos da Geografia (UFU. Online) , Uberlândia (MG), v. 8, n.1, p. 1-19, 2003.

  • ALVES, R. R. ; CLEPS JUNIOR, J. . Novas Ruralidades no Desenvolvimento Agrícola do Triângulo Mineiro: perfil da agricultura familiar nos anos 90. Revista Horizonte Científico, Uberlândia (MG), v. 2, n.2, p. 1-28, 2003.

  • GOBBI, Wanderléia Aparecida de Oliveira ; CLEPS JUNIOR, J. ; PESSÔA, Vera Lúcia Salazar . O Processo de Gestão das Águas e a Questão Ambiental na Bacia do Rio Araguari. Caminhos da Geografia (UFU. Online) , Uberlândia/ MG, v. 6, n.10, p. 74-93, 2003.

  • PAULA, Andréa Maria Narciso Rocha de ; CLEPS JUNIOR, J. . Migrações Internas no Sertão das Gerais: a esperança de melhoria de vida. UNIMONTES Científica , Montes Claros (MG), v. 4, n.2, p. 93-105, 2002.

  • PELEGRINI, D. F. ; CLEPS JUNIOR, J. . A Integração Agroindustrial no Triângulo Mineiro: a Rezende Alimentos. Caminhos da Geografia (UFU. Online) , Uberlãndia (MG), v. 1, n.1, p. 27-38, 2000.

  • CLEPS JUNIOR, J. ; GUMIERO, G. D. . A Produção de Resíduos Sólidos Urbanos em Uberlândia (MG): uma proposta de carta ambiental para disposição final do lixo doméstico. Sociedade & Natureza , Uberlândia (MG), v. 5, n.9-10, p. 81-86, 1994.

  • CLEPS JUNIOR, J. ; AL, J. C. J. E. . Degradação Ambiental no Noroeste do Paraná. Boletim de Geografia , Maringá (PR), v. 9, n.1, p. 1-57, 1991.

  • CLEPS JUNIOR, J. . Recuperação e Manejo Ambiental em Bacias Hidrográficas - Extremo-Oeste Paranaense. Boletim de Geografia , Maringá (PR), v. 9, n.2, p. 1-58, 1991.

  • CLEPS JUNIOR, J. ; SABINO, A. L. ; SANTOS, T. B. F. . Sistemas de Produção na Mandiocultura e Poluição das Águas pelas Agroindústriais na Bacia do Rio Ivaí - Noroeste do Paraná. Revista Sociedade e Natureza , Uberlândia (MG), v. 6, n.11/12, p. 98-98, 1995.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

CLEPS JR., J. . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) - Apoio à Participação em Evento. 2014.

SPOSITO, Eliseu Savério ; FREITAS, O. L. C. ; CLEPS JUNIOR, João . Programa Nacional do Livro Didático - Ensino Médio - 2015 (PNLD). 2014.

CLEPS JUNIOR, João . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) - Apoio a Eventos Científicos / Apoio à Participação em Eventos Científicos no Exterior - AVG. 2013.

CLEPS JR., J. . Comitê Consultor Externo da SELIC. 2013.

CLEPS JR., J. . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). 2013.

CLEPS JR., J. . Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão (FAPEMA). 2013.

CLEPS JR., J. . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) - Apoio à Participação em Evento. 2013.

CLEPS JR., J. . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) - Pós Doutorado no Exterior. 2013.

CLEPS JR., J. . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) - Produtividade em Pesquisa. 2013.

CLEPS JR., J. . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) - Chamada 24/2013. 2013.

CLEPS JR., J. . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). 2013.

CLEPS JR., J. . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) - Encomendas COAGR 2013. 2013.

CLEPS JR., J. . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) - Chamada 43/2013. 2013.

CLEPS JR., J. . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) - Chamada 43/2013. 2013.

CLEPS JR., J. . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) - Chamada 43/2013. 2013.

CLEPS JR., J. . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) - Produtividade em Pesquisa. 2013.

CLEPS JR., J. . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) - Chamada MCT-MZ n 42/2013 - Mestrado. 2013.

CLEPS JUNIOR, João ; SOARES, Beatriz Ribeiro ; SANTOS, Rosselvelt José ; SAMPAIO, A. A. M. ; MARAFON, Gláucio José . Programa Nacional do Livro Didático - PNLD. 2013.

CLEPS JUNIOR, João . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) - Bolsas no Exterior - Ciência sem Fronteiras / Pós Doutorado no Exterior - PDE (CsF). 2012.

CLEPS JUNIOR, João . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) - Bolsas no Exterior / Pós Doutorado no Exterior - PDE. 2012.

CLEPS JUNIOR, João . Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) - Estágio Pós-Doutoral 05/08 2012. 2012.

CLEPS JUNIOR, João . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) - Chamada 61/2011 Bolsa Pesquisador Visitante Especial - CAPES/CNPq/FAPs / Linha 1 - Bolsa Pesquisador Visitante Especial. 2012.

CLEPS JUNIOR, João . Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Estado do Maranhão (FAPEMA) - Edital N. 010/2012 - APUB. 2012.

CLEPS JUNIOR, João . Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Estado do Maranhão (FAPEMA) - Edital N. 019/2012 -AEXT. 2012.

CLEPS JUNIOR, João . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) - Bolsas no País / Produtividade em Pesquisa - PQ - 2012. 2012.

CLEPS JUNIOR, João . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) - Chamada 61/2011 Bolsa Pesquisador Visitante Especial - CAPES/CNPq/FAPs / Linha 1 - Bolsa Pesquisador Visitante Especial. 2012.

CLEPS JUNIOR, João . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) - Apoio a Projetos de Pesquisa / Chamada MCTI /CNPq /MEC/CAPES N 18/2012 - Ciências Humanas, Sociais e Sociais Aplicadas. 2012.

CLEPS JUNIOR, João . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) - Chamada MCTI/CNPq/SPM-PR/MDA N° 32/2012 / Chamada N 32/2012 - Categoria 1. 2012.

CLEPS JUNIOR, João . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) - Apoio a Eventos Científicos / Apoio à Participação em Eventos Científicos no Exterior - AVG. 2012.

CLEPS JUNIOR, João . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) - Chamada CNPq/MDA/-INCRA n 26/2012. 2012.

CLEPS JUNIOR, J. . Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão - FAPEMA. 2011.

CLEPS JUNIOR, J. . Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Estado do Maranhão - FAPEMA. 2011.

CLEPS JUNIOR, J. . Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) - Eventos no Exterior. 2011.

CLEPS JUNIOR, J. . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) - Bolsas no País (PDJ). 2011.

CLEPS JUNIOR, J. . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) - Eventos no Exterior - AVG. 2011.

CLEPS JUNIOR, J. . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) - Edital Universal. 2011.

CLEPS JUNIOR, J. . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) - Bolsas no País (PDJ). 2011.

CLEPS JUNIOR, J. . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) - Bolsas no Exterior (PDE). 2011.

CLEPS JUNIOR, J. . MCT/CNPq/MEC/CAPES - Ação Transversal n 06/2011 - Casadinho/Procad. 2011.

CLEPS JUNIOR, J. . FAPEMIG - Edital de Bolsas de Iniciação Científica (PIBIC/FAPEMIG/UFU). 2011.

CLEPS JUNIOR, João . Fundação do Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia - Edital Programa de Bolsas de Iniciação Científica 2011. 2011.

MATTOS, A. ; MOREIRA, J. C. ; BATISTA, G. T. ; CLEPS JUNIOR, J. . Edital MCT/CNPq/CT-Hidro/ANA N.15/ 2010. 2010.

CLEPS JUNIOR, J. . Edital de Projetos de Inovação Tecnológica - UFU/CNPq - 2010. 2010.

CLEPS JUNIOR, J. . Edital FAPEMA n.004/2010 APP - Universal. 2010.

CLEPS JUNIOR, J. . Fundação Araucária. 2006.

CLEPS JUNIOR, J. . CAPES - Fundação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. 2006.

CLEPS JUNIOR, J. . CAPES - Fundação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. 2005.

CLEPS JUNIOR, J. . CAPES - Fundação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. 2005.

CLEPS JUNIOR, J. . CAPES - Fundação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. 2004.

CLEPS JUNIOR, J. . Programa Integrado de Fruticultura da Região do Médio Paranaíba (MG). 1996.

CLEPS JUNIOR, João . Revista Cadernos de História PUC Minas. 2015.

CLEPS JUNIOR, João . Revista Caminhos de Geografia. 2015.

CLEPS JUNIOR, João . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - CNPq. 2015.

CLEPS JUNIOR, João . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - CNPq. 2015.

CLEPS JUNIOR, João . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - CNPq. 2015.

MAIA, B. ; JUNQUEIRA, Murilo ; CLEPS JUNIOR, João . Estudo Acerca da Capacidade de Geração de Renda do Imóvel Fazenda das Cabaças - Município de Uberlândia. 2015.

CLEPS JUNIOR, João . Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - FAPESP. 2014.

CLEPS JUNIOR, João . Revista Agrária - Laboratório de Geografia Agrária - DG/FFLCH/USP. 2014.

CLEPS JUNIOR, J. . Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - FAPESP. 2014.

CLEPS JUNIOR, J. . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - CNPq. 2014.

CLEPS JUNIOR, J. . Revista Sociedade e Natureza. 2014.

CLEPS JUNIOR, João . Fundação de Amparo à Pesquisa no Estado de São Paulo - FAPESP. 2014.

CLEPS JUNIOR, João . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - CNPq. 2014.

CLEPS JUNIOR, J. . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - CNPq. 2014.

CLEPS JUNIOR, João . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - CNPq. 2014.

CLEPS JUNIOR, João . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - CNPq. 2014.

CLEPS JUNIOR, João . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - CNPq. 2014.

CLEPS JUNIOR, João . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - CNPq. 2014.

CLEPS JUNIOR, João . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - CNPq. 2014.

CLEPS JUNIOR, João . Revista Brasileira de Estudos Urbanos e Regionais. 2013.

CLEPS JUNIOR, João . Revista Brasileira de Estudos Urbanos e Regionais. 2013.

CLEPS JUNIOR, João . Revista NERA (ISSN 1806-6755). 2012.

CLEPS JUNIOR, João . Ambiente & Água - An Interdisciplinary Journal of Applied Science (ISSN: 1980-993X). 2012.

CLEPS JUNIOR, João . Revista PEGADA ELETRÔNICA (ISSN 1676-3025) - 1. 2012.

CLEPS JUNIOR, João . EdUFERSA - Editora da Universidade Federal Rural do Semi-Árido. 2012.

CLEPS JUNIOR, João . IV Semana de Pesquisa e Extensão da UEG - Morrinhos. 2012.

CLEPS JUNIOR, João . Campo-Território: Revista de Geografia Agrária (ISSN 1879-6271) - v. 7, n. 13 (2012). 2012.

CLEPS JUNIOR, João . Campo-Território: Revista de Geografia Agrária (ISSN 1879-6271) - v. 7, n. 14 (2012). 2012.

CLEPS JUNIOR, João . XXI Encontro Nacional de Geografia Agrária - ENGA (ISSN 1983-487X). 2012.

CLEPS JUNIOR, João . Revista PEGADA ELETRÔNICA (ISSN 1676-3025) - 2. 2012.

CLEPS JUNIOR, J. ; CHELOTTI, Marcelo Cervo . III Colóquio de Pesquisa NEAT-LAGEA. 2011.

NAHUM, J. S. ; CLEPS JUNIOR, J. . V Simpósio Internacional/ VI Simpósio Nacional de Geografia Agrária. 2011.

CLEPS JUNIOR, J. . Espaço em Revista (ISSN 1519-7816). 2011.

CLEPS JUNIOR, J. . Revista Ambiente y Desarrollo (Pontifícia Universidad Javeriana). 2011.

CLEPS JUNIOR, J. . Revista Horizonte Científico (ISSN: 1808-3064). 2011.

CLEPS JUNIOR, J. . Revista História & Perspectivas. 2011.

CLEPS JUNIOR, J. . Revista Pegada. 2011.

CLEPS JUNIOR, J. . Revista Sociedade & Natureza. 2011.

CLEPS JUNIOR, J. . Revista Paranaense de Desenvolvimento. 2011.

CLEPS JUNIOR, J. . Revista Caminhos de Geografia. 2011.

MENDES, Estevane de Paula Pontes ; CLEPS JUNIOR, J. . II Simpósio de Educação Ambiental (SEA). 2010.

FERREIRA, I. M. ; CLEPS JUNIOR, J. . III Seminário Interno de Mestrado (SIM) - Programa de Pós-Graduação em Geografia CAC/UFG. 2010.

CLEPS JUNIOR, J. . II Colóquio de Pesquisa do Núcleo de Estudos Agrários e Territoriais (NEAT). 2010.

CONCEIÇÃO, A. L. ; CLEPS JUNIOR, J. . XVI Encontro Nacional de Geógrafos (ENG 2010). 2010.

SAQUET, M. A. ; CLEPS JUNIOR, J. . XX Encontro Nacional de Geografia Agrária (XX ENGA). 2010.

CLEPS JUNIOR, J. . Parecer de Artigo - Revista NERA (1). 2010.

CLEPS JUNIOR, J. . Parecer de Artigo - Revista NERA (2). 2010.

CLEPS JUNIOR, J. . Parecer de Artigo - Campo-Território: Revista de Geografia Agrária (1). 2010.

CLEPS JUNIOR, J. . Parecer de Artigo - Campo-Território: Revista de Geografia Agrária (2). 2010.

CLEPS JUNIOR, J. . Edital MCT/CNPq/MDA/SAF/DATER n.33/2009 - Assistência Técnica e Extensão Rural (1). 2010.

CLEPS JUNIOR, J. . Edital MCT/CNPq/MDA/SAF/DATER n.33/2009 - Assistência Técnica e Extensão Rural (2). 2010.

CLEPS JUNIOR, J. . Edital MCT/CNPq/MDA/SAF/DATER n.33/2009 - Assistência Técnica e Extensão Rural (3). 2010.

CLEPS JUNIOR, J. . Edital N. 007/2010 - Convocação de Projetos de Pesquisa para Bolsas de IC PIBIC?CNPq/UFU. 2010.

CLEPS JUNIOR, J. . Parecer de Artigo - Revista Observatorium - Revista Eletrônica de Geografia. 2010.

CLEPS JUNIOR, J. . Edital MCT/CNPq/CAPES/ n.02/2010 - Ciências Humanas, Sociais e Sociais Aplicadas. 2010.

CLEPS JUNIOR, J. . Programa de Bolsas no País CNPq - Pós-Doutorado Sênior (PDS). 2010.

CLEPS JUNIOR, J. . Parecer de Artigo - Revista Sociedade & Natureza. 2010.

CLEPS JUNIOR, J. . Parecer de Artigo - Campo-Território: Revista de Geografia Agrária (3). 2010.

CLEPS JUNIOR, J. . Parecer de Artigo - Campo-Território: Revista de Geografia Agrária (4). 2010.

CLEPS JUNIOR, J. . Parecer de Artigo - Revista NERA (3). 2010.

CLEPS JUNIOR, J. . Programa de Bolsas no País CNPq - Produtividade em Pesquisa - PQ - 2010. 2010.

CLEPS JUNIOR, J. . Parecer de Artigo - Revista Caminhos de Geografia. 2010.

CLEPS JUNIOR, J. . Parecer de Artigo - Espaço em Revista. 2010.

SUZUKI, Júlio César ; CLEPS JUNIOR, J. . XIX Encontro Nacional de Geografia Agrária. 2009.

CLEPS JUNIOR, J. . Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Paraná. 2009.

CLEPS JUNIOR, J. . Revista Sociedade & Natureza. 2007.

CLEPS JUNIOR, J. . Revista de Ciências Humanas - RCH. 2007.

CLEPS JUNIOR, J. . Revista Sociedade & Natureza. 2007.

CLEPS JUNIOR, J. . Revista NERA. 2007.

CLEPS JUNIOR, J. . Revista Caminhos de Geografia. 2007.

CLEPS JUNIOR, J. . Programa Nacional do Livro Didático - PNLD 2008. 2007.

CLEPS JUNIOR, J. . Revista Sociedade & Natureza. 2007.

CLEPS JUNIOR, J. . Revista Sociedade & Natureza. 2007.

CLEPS JUNIOR, J. ; RABELO, L.M.M. ; CORRÊA, M.B.M. ; CLEPS, Geisa Daise Gumiero . Reconhecimento de Curso. 2007.

CLEPS JUNIOR, J. ; BRANDÃO, Carlos Rodrigues . Tempos e Espaços nas Comunidades Rurais no Alto e Médio São Francisco, Minas Gerais: uma pesquisa interdisciplinar sobre permanências e mudanças de modos de vida em comunidades rurais e ribeirinhas. 2006.

CLEPS JUNIOR, J. . Territorialização do Capital e Luta pela Terra em Minas Gerais: uma pesquisa sobre os movimentos socioterritoriais do Triângulo Mineiro - Projeto Dataluta. 2006.

CLEPS JUNIOR, J. . Revista Sociedade e Natureza (ISSN 0103-1570). 2006.

CLEPS JUNIOR, J. . Revista NERA (ISSN 1806-6755). 2006.

CLEPS JUNIOR, J. . Revista Campo e Território (ISSN 1809-6271). 2006.

CLEPS JUNIOR, J. . Espaço em Revista (ISSN 1519-7816). 2006.

CLEPS JUNIOR, J. . III Semana Academica da UFU. 2006.

CLEPS JUNIOR, J. . SIMPÓSIO - Reforma Agrária: Balanço Crítico e Perspectivas. 2006.

CLEPS JUNIOR, J. . XVIII Encontro Nacional de Geografia Agrária. 2006.

CLEPS JUNIOR, J. . Revista Ciência em Extensão - UNESP (ISSN 1679-4605). 2006.

CLEPS JUNIOR, J. . Programa Nacional de Livros Didáticos/ Ministério da Educação. 2005.

CLEPS JUNIOR, J. ; FERNANDES, Bernardo Mançano ; RODRIGUES, Luciene ; PAULA, Andréa Maria Narciso Rocha de . Territorialização do Capital e Luta pela Terra em Minas Gerais: uma pesquisa sobre os movimentos socioterritoriais no Triângulo Mineiro - PROJETO DATALUTA. 2005.

CLEPS JUNIOR, J. . Alternativas e Viabilidades da Empresa Rural Comunitária em Projeto de Assentamento Rural: avaliação da experiência da Fazenda Nova Tangará, Uberlândia/MG. 2005.

CLEPS JUNIOR, J. . Territorialização da Luta pela Terra em Minas Gerais: Projeto DATALUTA. 2005.

CLEPS JUNIOR, J. . Revista NERA. 2005.

CLEPS JUNIOR, J. . Revista de Ciências Humanas (UFSC). 2005.

CLEPS JUNIOR, J. . II Semana Academica da UFU. 2005.

CLEPS JUNIOR, J. ; GALANTE, Luiz Carlos . A Produção de Biodiesel como Fator de Desenvolvimento dos Assentamentos Rurais do Triângulo Mineiro/ Alto Paranaíba. 2005.

CLEPS JUNIOR, J. . Revista Sociedade e Natureza (ISSN 0103-1570). 2005.

CLEPS JUNIOR, J. ; RIBEIRO, Raphael Medina . Trabalho Familiar e Territorialização da Luta pela Terra em Minas Gerais. 2004.

CLEPS JUNIOR, J. ; BRANDÃO, Carlos Rodrigues ; LIMA, Samuel Do Carmo ; PAULA, Andréa Maria Narciso Rocha de ; RODRIGUES, Luciene . Territorialização do Capital, Modos de Vida e Luta pela Terra nos Cerrados Mineiros: transformações recentes no Triângulo e Norte de Minas Gerais. 2004.

CLEPS JUNIOR, J. . A Territorialização da Luta pela Terra em Minas Gerais: PROJETO DATALUTA. 2004.

CLEPS JUNIOR, J. . Territorialização do Capital e Luta pela Terra em Minas Gerais: uma pesquisa sobre os movimentos socioterritoriais do Triângulo Mineiro. 2004.

CLEPS JUNIOR, J. . VI Congresso Brasileiro de Geógrafos. 2004.

CLEPS JUNIOR, J. . Projeto de Simpósio Nacional de Geografia. 2003.

CLEPS JUNIOR, J. ; NEDER, H. D. . Subsídios ao Processo de Gestão Territorial: indicadores de desenvolvimento do Triângulo Mineiro/ Alto Paranaíba. 2003.

SPOSITO, Maria Encarnação Beltrão ; SPOSITO, Eliseu Savério ; TREVISAN, Valéria ; HESPANHOL, Antonio Nivaldo ; CLEPS JUNIOR, J. . Avaliação Nacional dos Livros Didáticos de 5a a 8a Séries - PNLD 2004 - Área de Geografia. 2003.

CLEPS JUNIOR, J. ; PAULA, Andréa Maria Narciso Rocha de ; RODRIGUES, Luciene . Territorialidades, Políticas Públicas e Reconversão Produtiva nos Cerrados Mineiros: transformações recentes no Triângulo e Norte de Minas. 2003.

CLEPS JUNIOR, J. . FACEPE - Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia - Governo de Pernambuco/ Secretaria de Ciencia, Tecnologia e Meio Ambiente. 2003.

CLEPS JUNIOR, J. . Revista: Caminhos de Geografia (ISSN 1678-6343). 2003.

CLEPS JUNIOR, J. . Revista: Caminhos de Geografia (ISSN 1678-6343). 2003.

CLEPS JUNIOR, J. ; ALVES, R. R. . Novas Ruralidades no Desenvolvimento Agrícola do Triângulo Mineiro. 2002.

CLEPS JUNIOR, J. ; OLIVEIRA, G. L. . Agricultura Familiar e Desenvolvimento Local: um estudo sobre o distrito de Piracaíba, Araguari (MG). 2002.

CLEPS JUNIOR, J. ; SHIKI, S. . Pesquisa Sócio-Econômica AHE Capim Branco I. 2002.

CLEPS JUNIOR, J. ; SHIKI, S. . Pesquisa Sócio-Econômica - AHE Capim Branco II. 2002.

GOBBI, Wanderléia Aparecida de Oliveira ; CLEPS JUNIOR, J. . Dinâmica Rural e Gestão Ambiental na Bacia do Rio Araguari (MG). 2002.

CLEPS JUNIOR, J. . Projeto Integrado de Pesquisa [FUNDECT]. 2002.

CLEPS JUNIOR, J. . Avaliação Nacional dos Livros Didáticos de 1a a 4a Séries - PNLD 2004 - Área de Geografia. 2002.

CLEPS JUNIOR, J. . Novas Ruralidades no Desenvolvimento Agrícola do Triângulo Mineiro. 2001.

CLEPS JUNIOR, J. ; SHIKI, S. ; ORTEGA, A. C. ; FERNANDES FILHO, J. F. ; RIBEIRO, A. G. . Alternativas Sustentáveis para a redução da vulnerabilidade social, econômica e ambiental da agricultura familiar nas áreas dos cerrados da região do Triângulo Mineiro/ Alto Paranaíba. 2001.

CLEPS JUNIOR, J. ; SHIKI, S. . Agroindústria e Produção Rural Integrada no Contexto do Desenvolvimento Sustentável do Cerrado. 2000.

CLEPS JUNIOR, J. . Novas Ruralidades no Desenvolvimento Agrícola do Triângulo Mineiro. 2000.

CLEPS JUNIOR, J. ; VLACH, Vânia Rubia Farias ; SOARES, Beatriz Ribeiro ; COLESANTI, Marlene T Muno ; GROSSI, S. R. ; PESSÔA, Vera Lúcia Salazar ; BESSA, K. C. F. O. ; CORRÊA, R. L. . Espacialidades no Cerrado Mineiro: a modernidade em marcha. 2000.

AMARAL, M. N. ; CLEPS JUNIOR, J. . Uso do Solo e Agrotóxicos na Microbacia dos Córregos Pantaninho e Barro Preto, em Iraí de Minas (MG). 2000.

CLEPS JUNIOR, J. . Gestão do Espaço Rural e Desenvolvimento Sustentável na Bacia do Rio Araguari (MG). 2000.

CLEPS JUNIOR, J. ; GOMES, Renata Mainenti . Reforma Agrária e Democracia: a luta pela terra e a realidade dos assentamentos rurais no Triângulo Mineiro. 2000.

GOMES, Renata Mainenti ; CLEPS JUNIOR, J. . Reforma Agrária e Democracia: a luta pela terra e a realidade dos assentamentos rurais no Triãngulo Mineiro. 2000.

CLEPS JUNIOR, J. . Dinâmica Agrícola e Novas Estratégias das Empresas no Cerrado: um estudo sobre o sistema de produção agroindustrial integrada na região do Triângulo Mineiro/ Alto Paranaíba. 2000.

CLEPS JUNIOR, J. ; NEDER, H. D. . Uma Avaliação das Relações Intersetoriais e Implicações de Sustentabilidade da Agroindústria nos Cerrados. 1999.

CLEPS JUNIOR, J. ; LIMA, Samuel Do Carmo ; SOARES, Beatriz Ribeiro ; PESSÔA, Vera Lúcia Salazar . Gestão Ambiental da Bacia do Rio Araguari (MG): rumo ao desenvolvimento sustentável. 1999.

CLEPS JUNIOR, J. ; NEDER, H. D. . A Agroindústria nos Cerrados: uma avaliação das relações intersetoriais e implicações de sustentabilidade. 1998.

CLEPS JUNIOR, J. . Dinâmica Agrícola e Novas Estratégias das Empresas no Cerrado: um estudo sobre a produção agroindustrial integrada na região do Triângulo Mineiro/ Alto Paranaíba. 1998.

CLEPS JUNIOR, J. ; SHIKI, S. . Desenvolvimento de Metodologias para Definição, Monitoramento e Avaliação de Indicadores de Sustentabilidade de Agroecossistemas: microbacias Pantaninho e Divisa, em Iraí de Minas (MG). 1998.

CLEPS JUNIOR, J. ; NEDER, H. D. . Uma Avaliação das Relações Intersetoriais e Implicações de Sustentabilidade da Agroindústria nos Cerrados. 1997.

CLEPS JUNIOR, J. ; NEDER, H. D. ; DINIZ, C. J. ; DOMINGUES FILHO, J. B. ; RODRIGUES, A. L. T. ; SILVA JÚNIOR, Á. F. E. . Pesquisa de Orçamentos Familiares no Município de Uberlândia (MG). 1997.

CLEPS JUNIOR, J. ; CUSTÓDIO, A. B. ; OLIVEIRA, V. M. . Política Rural e Pequena Produção Familiar em Uberlândia (MG). 1996.

CLEPS JUNIOR, J. . Política Rural e Pequena Produção Familiar em Uberlândia, Triângulo Mineiro. 1995.

CLEPS JUNIOR, J. ; NEDER, H. D. . Uma Avaliação das Relações Intersetoriais e Implicações de Sustentabilidade da Agroindústria nos Cerrados. 1995.

CLEPS JUNIOR, J. . Sistemas de Produção na Mandiocultura e Poluição das Águas na Bacia do Rio Ivaí - Noroeste do Paraná. 1994.

CLEPS JUNIOR, J. ; SHIKI, S. . Desenvolvimento de Metodologias para Definição, Monitoramento e Avaliação de Indicadores de Sustentabilidade de Agroecossistemas: microbacias Pantaninho e Divisa, em Iraí de Minas-MG. 1994.

CLEPS JUNIOR, J. . Campo-Território: Revista de Geografia Agrária/ v. 14, n. 33, agosto 2019. 2019. (Editoração/Periódico).

CLEPS JUNIOR, J. . Campo-Território: Revista de Geografia Agrária/ v. 14, n. 32, abril 2019. 2019. (Editoração/Periódico).

CLEPS JUNIOR, J. ; CAMPOS, J. F. S. . Relatório DATALUTA - Minas Gerais (2017). 2019. (Relatório de pesquisa).

CLEPS JUNIOR, J. . Campo-Território: Revista de Geografia Agrária/ v. 13, n.29, abril 2018. 2018. (Editoração/Periódico).

CLEPS JUNIOR, J. . Campo-Território: Revista de Geografia Agrária/ v. 13, n.30, agosto 2018. 2018. (Editoração/Periódico).

CLEPS JUNIOR, J. . Campo-Território: Revista de Geografia Agrária/ v. 13, n.30, agosto 2018Campo-Território: Revista de Geografia Agrária/ v. 13, n.31, dezembro 2018. 2018. (Editoração/Periódico).

CLEPS JUNIOR, João ; VINHA, J. F. S. C. . Relatório DATALUTA - Minas Gerais (2016). 2018. (Relatório de pesquisa).

CLEPS JR., João . Campo-Território: Revista de Geografia Agrária/ v. 11, n. 25, dezembro 2016. 2017. (Editoração/Periódico).

CLEPS JR., João . Campo-Território: Revista de Geografia Agrária, v. 12, n. 26 Abr. (2017). 2017. (Editoração/Periódico).

CLEPS JUNIOR, J. . Campo-Território: Revista de Geografia Agrária, v. 12, n. 27 Ago. (2017). 2017. (Editoração/Periódico).

CLEPS JR., João ; OLIVEIRA, A. U. ; FERNANDES, Bernardo Mançano ; MARAFON, Gláucio José ; SAQUET, M. A. ; MEDEIROS, Rosa M. ; PESSÔA, Vera Lúcia Salazar . Campo-Território: Revista de Geografia Agrária/ Edição Especial: Land grabbing - Grilagem/Estrangeirização de terras. 2016. (Editoração/Periódico).

CLEPS JR., João ; OLIVEIRA, A. U. ; FERNANDES, Bernardo Mançano ; MARAFON, Gláucio José ; SAQUET, M. A. ; MEDEIROS, Rosa M. ; PESSÔA, Vera Lúcia Salazar . Campo-Território: Revista de Geografia Agrária/ v. 11, n. 22, abril 2016. 2016. (Editoração/Periódico).

CLEPS JR., João . Campo-Território: Revista de Geografia Agrária/ v. 11, n. 23, julho 2016 - Edição Especial: Land grabbing - Grilagem/Estrangeirização de terras. 2016. (Editoração/Periódico).

CLEPS JR., João . Campo-Território: Revista de Geografia Agrária, v. 11, n. 24 Ago. (2016). 2016. (Editoração/Periódico).

CLEPS JR., João ; VINHA, J. F. S. C. . Relatório DATALUTA - Minas Gerais (2015). 2016. (Relatório de pesquisa).

CLEPS JR., João . Curso de Especialização em Educação do Campo - A Questão Agrária Brasileira. 2015. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

CLEPS JR., João ; OLIVEIRA, A. U. ; FERNANDES, Bernardo Mançano ; MARAFON, Gláucio José ; MEDEIROS, Rosa M. ; PESSÔA, Vera Lúcia Salazar ; SAQUET, M. A. . Campo-Território: Revista de Geografia Agrária, v. 10, n.20 (2015). 2015. (Editoração/Periódico).

CLEPS JR., João ; VINHA, J. F. S. C. . Relatório DATALUTA - Minas Gerais (2014). 2015. (Relatório de pesquisa).

CLEPS JR., João ; CHELOTTI, Marcelo Cervo ; PESSÔA, Vera Lúcia Salazar . Campo-Território: Revista de Geografia Agrária, v. 9, n.19 (2014) - Edição Especial XXI ENGA. 2014. (Editoração/Periódico).

CLEPS JUNIOR, João ; TEIXEIRA, A. N. ; MOURA, D. J. ; VICTOR, F.B. ; SILVA, M. C. ; CAMPOS, Natália Lorena ; FREITAS, R. L. ; VIEIRA, Wesley Alves . Relatório DATALUTA - Minas Gerais (2013). 2014. (Relatório de pesquisa).

CLEPS JUNIOR, J. . Abordagem e Perspectivas da Geografia Agrária. 2013. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

BUITONI, M. M. S. ; SOARES, Beatriz Ribeiro ; SAMPAIO, A. A. M. ; CLEPS JUNIOR, J. ; SANTOS, Rosselvelt José ; MARAFON, Gláucio José . Guia de Livros Didáticos PNLD 2014 - GEOGRAFIA - Ensino Fundamental: anos finais. 2013. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Material didático).

CLEPS JUNIOR, João ; NEDER, R. N. ; LEPERA, L. P. G. ; GARCIA, G.C ; FREITAS, Ricardo Luis de . Conflitos e Práticas de Gestão da Água pelos Agricultores em Projetos de Reforma Agrária na Região do Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba. 2013. (Relatório de pesquisa).

CLEPS JUNIOR, João ; MOURA, D. J. ; VICTOR, F.B. ; CAMPOS, Natália Lorena ; NEDER, R. N. ; FREITAS, R. L. ; SILVA, M. C. . Relatório DATALUTA - Minas Gerais (2012). 2013. (Relatório de pesquisa).

CLEPS JR., João . Campo-Território: Revista de Geografia Agrária, vol. 7, n. 13, fev. 2012. 2012. (Editoração/Periódico).

CLEPS JUNIOR, João . Campo-Território: Revista de Geografia Agrária, vol. 7, n. 14, ago/2012. 2012. (Editoração/Periódico).

CLEPS JUNIOR, J. ; FERNANDES, Bernardo Mançano . Relatório DATALUTA - Minas Gerais (2010). 2012. (Relatório de pesquisa).

CLEPS JUNIOR, João . Relatório DATALUTA - Minas Gerais (2011). 2012. (Relatório de pesquisa).

CLEPS JR., João . Campo-Teritório: Revista de Geografia Agrária, vol. 6, n. 12, ago./2011.. 2011. (Editoração/Periódico).

CLEPS JUNIOR, J. . Campo-Teritório: Revista de Geografia Agrária, vol. 6, n. 11, fev./2011.. 2011. (Editoração/Periódico).

CLEPS JUNIOR, J. ; SILVA, Danielle Fabiane da ; VICTOR, F.B. ; SOUZA, L. C. E. ; CAMPOS, Natália Lorena ; FREITAS, Ricardo Luis de . Relatório DATALUTA - Minas Gerais (2009). 2011. (Relatório de pesquisa).

COSTA, Ana Luiza dos Santos ; GUMIERO, G. D. ; CLEPS, Geisa Daise Gumiero ; RAMIRES, J.C.L. ; CLEPS JUNIOR, J. . As Atividades Sucroalcooleiras e a Migração Piauiense em Morro Agudo (SP). 2011. (Membro Titular de Banca de Exame de Qualificação).

CARVALHO, Nathálya Dayrell de ; CLEPS JUNIOR, J. ; PESSÔA, Vera Lúcia Salazar ; CHELOTTI, Marcelo Cervo . Luta pela Terra no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba: a difícil trajetória dos movimentos sociais na construção do território. 2011. (Membro Titular de Banca de Exame de Qualificação).

SOUZA, Andrêza Gomes ; CLEPS JUNIOR, J. ; PESSÔA, Vera Lúcia Salazar ; SANTOS, J.C. . A Expansão do Agronegócio Canavieiro no Triângulo Mineiro: as usinas Cerradão e Frutal (BUNGE). 2011. (Membro Titular de Banca de Exame de Qualificação).

ANDRADE, Manuel Correia de ; CLEPS JUNIOR, J. . Campo-Território: Revista de Geografia Agrária, vol. 5, n. 09, fev./2010. 2010. (Editoração/Periódico).

OLIVEIRA, A. U. ; CLEPS JUNIOR, J. . Campo-Território: Revista de Geografia Agrária, vol. 5, n. 10, ago./2010. 2010. (Editoração/Periódico).

CLEPS JUNIOR, J. ; VIEIRA, Ana Flávia ; SILVA, Danielle Fabiane da ; BENEDETTI, G. M. P. O. E. S. ; GONZAGA, H. C. ; SOUZA, L. C. E. ; CARDOSO, Lucimeire de Fátima ; OLIVEIRA, Mariana Martins Rodrigues de ; CAMPOS, Natália Lorena ; GARCIA, Paulo Roberto ; FREITAS, Ricardo Luis de . Relatório DATALUTA - Minas Gerais (2008). 2010. (Relatório de pesquisa).

FERNANDES, Bernardo Mançano ; WELCH, C. A. ; CLEPS JUNIOR, J. ; FABRINI, João Edmilson ; MEDEIROS, Rosa M. . DATALUTA - Banco de Dados da Luta pela Terra: Relatório 2009 (versão Brasil). 2010. (Relatório de pesquisa).

CLEPS JUNIOR, J. ; SILVA, Danielle Fabiane da ; FREITAS, Ricardo Luis de ; RAMOS FILHO, E. S. . Da Prisão da Dívida ao Território da Política: o Movimento dos Atingidos pela Reforma Agrária de Mercado (MARAM) - conhecimento e direitos sociais. 2010. (Relatório de pesquisa).

CLEPS JUNIOR, J. ; SILVA, Danielle Fabiane da ; FREITAS, Ricardo Luis de . Agricultura Familiar como Base para o Desenvolvimento Territorial Local e Sustentável: avaliando experiências de projetos de Reforma Agrária no Triângulo Mineiro. 2010. (Relatório de pesquisa).

SOUZA, L. C. E. ; CLEPS JUNIOR, J. . Análise Temporal das Políticas Nacionais de Reforma Agrária: os impactos regionais da criação dos assentamentos rurais no Triângulo Mineiro/ Alto Paranaíba. 2010. (Relatório de pesquisa).

CAMPOS, Natália Lorena ; SOUZA, Andrêza Gomes ; CLEPS JUNIOR, J. . O Processo de Expansão do Setor Sucroalcooleiro na Mesorregião do Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba, Minas Gerais e a Produção de Agrocombustíveis. 2010. (Relatório de pesquisa).

LEMES, K. C. ; MENDES, Estevane de Paula Pontes ; MENDONÇA, Marcelo Rodrigues ; CLEPS JUNIOR, J. . Agricultura Familiar e Territorialidade: os desafios dos pequenos produtores rurais do município de Orizona (GO) frente à modernização agrícola. 2010. (Membro Titular de Banca de Exame de Qualificação).

DOURADO, J. A. L. ; MESQUITA, Helena Angélica ; CLEPS JUNIOR, J. ; MENDONÇA, Marcelo Rodrigues . Modernização da Agricultura: expropriação camponesa e precarização do trabalho na produção de manga em Livramento de Nossa Senhora (BA). 2010. (Membro Titular de Banca de Exame de Qualificação).

MARTINS, Geraldo Inácio ; CLEPS JUNIOR, J. ; MENDONÇA, Marcelo Rodrigues ; CHELOTTI, Marcelo Cervo . Territórios Sobrepostos e os Conflitos entre Políticas de Modernização da Agricultura e de Preservação Ambiental: a des(re)territorialização camponesa veredeira no entorno do Parque Nacional Grande Sertão: Veredas, Norte de Minas Gerais. 2010. (Membro Titular de Banca de Exame de Qualificação).

ROSSINI, Rosa Ester ; CLEPS JUNIOR, J. . Campo-Território: Revista de Geografia Agrária, vol. 4, n. 08, ago./2009. 2009. (Editoração/Periódico).

CLEPS JUNIOR, J. ; SOUZA, L. C. E. ; CARVALHO, Eduardo Rozetti de ; GARCIA, Paulo Roberto ; VIEIRA, Ana Flávia ; OLIVEIRA, Mariana Martins Rodrigues de ; BENEDETTI, G. M. P. O. E. S. ; GONZAGA, Humberto Tomaz ; CAMPOS, Natália Lorena . Relatório DATALUTA - Minas Gerais (2007). 2009. (Relatório de pesquisa).

CLEPS JUNIOR, J. ; FERNANDES, Bernardo Mançano ; RODRIGUES, Luciene . TERRITORIALIZAÇÃO DO CAPITAL E LUTA PELA TERRA EM MINAS GERAIS: UMA PESQUISA SOBRE OS MOVIMENTOS SOCIOTERRITORIAIS DO TRIÂNGULO MINEIRO - Projeto DATALUTA. 2009. (Relatório de pesquisa).

CLEPS JUNIOR, J. ; BRANDÃO, Carlos Rodrigues ; THÉ, Ana Paula Glinfskoi ; PAULA, Andrea Maria Narciso Rocha de ; FEITOSA, Antonio Maurílio Alencar ; BARBOSA, Cristiano ; CLEPS, Geisa Daise Gumiero ; MARTINS, Geraldo Inácio ; CHAGAS, Ivo das ; COSTA, João Batista de Almeida ; OLIVEIRA, J. A. ; THIESEN, Leopoldo Gabriel ; RODRIGUES, Luciene ; GAMA, Maria das Graças Campolina Cunha ; SANTOS, Rodrigo Herles ; LIMA, Samuel Do Carmo ; DUMONT, Sandra Regina Torres . TEMPOS E ESPAÇOS NAS COMUNIDADES RURAIS NO ALTO E MÉDIO SÃO FRANCISCO, MINAS GERAIS: UMA PESQUISA INTERDISCIPLINAR SOBRE PERMANÊNCIAS E MUDANÇAS DE MODOS DE VIDA EM COMUNIDADES RURAIS E RIBEIRINHAS. 2009. (Relatório de pesquisa).

RODRIGUES, Luciene ; GONÇALVES, Maria Elizete ; CLEPS JUNIOR, J. ; Cordeiro, Luciana M. C. ; ABRANTES, Sidinéia Maria de Souza ; CARVALHO, Amanda N. ; OLIVEIRA, S. M. . AGRICULTURA FAMILIAR: FONTES DE CRESCIMENTO, RESPOSTA DA PRODUÇÃO A PREÇOS E CRÉDITO E CAPACIDADE DE PAGAMENTO DO FINANCIAMENTO. 2008. (Relatório de pesquisa).

CARDOSO, Lucimeire de Fátima ; CLEPS JUNIOR, J. . ALTERNATIVAS E VIABILIDADES DA SOCIOECONOMIA SOLIDÁRIA EM PROJETOS DE ASSENTAMENTO RURAL: AVALIAÇÃO DA EXPERIÊNCIA DA FAZENDA NOVA TANGARÁ, UBERLÂNDIA (MG). 2008. (Relatório de pesquisa).

CLEPS JUNIOR, J. ; BENEDETTI, G. M. P. O. E. S. . TERRITORIALIZAÇÃO DA LUTA PELA TERRA EM MINAS GERAIS: PROJETO DATALUTA. 2008. (Relatório de pesquisa).

FERNANDES, Bernardo Mançano ; CLEPS JUNIOR, J. ; FABRINI, João Edmilson . Relatório Dataluta 2007 - Brasil. 2008. (Relatório de pesquisa).

SOUZA, Andrêza Gomes ; CLEPS JUNIOR, J. . TERRITORIALIZAÇÃO DA LUTA PELA TERRA: OS CONFLITOS NO CAMPO EM MINAS GERAIS: PROJETO DATALUTA-MG. 2007. (Relatório de pesquisa).

CARDOSO, Lucimeire de Fátima ; CLEPS JUNIOR, J. . REFORMA AGRÁRIA E MOVIMENTOS SOCIO-TERRITORIAIS EM MINAS GERAIS: A CONSTRUÇÃO DE NOVOS ESPAÇOS DE LUTA E TRABALHO NA PRODUÇÃO RURAL FAMILIAR. 2007. (Relatório de pesquisa).

CLEPS JUNIOR, J. . DATALUTA: Banco de Dados da Luta pela Terra - Relatório 2005 - Minas Gerais. 2007. (Relatório de pesquisa).

CLEPS JUNIOR, J. . COOPERATIVISMO E VIABILIDADES DA EMPRESA RURAL COMUNITÁRIA EM PROJETOS DE REFORMA AGRÁRIA: CAPACITAÇÃO DOS ASSENTADOS DA FAZENDA SÃO DOMINGOS, TUPACIGUARA-MG. 2007. (Relatório de pesquisa).

CARVALHO, Eduardo Rozetti de ; CLEPS JUNIOR, J. . TERRITORIALIZAÇÃO DA LUTA PELA TERRA EM MINAS GERAIS: Projeto Dataluta - MG. 2007. (Relatório de pesquisa).

SANTOS, Rodrigo Herles ; BRANDÃO, Carlos Rodrigues ; LIMA, Samuel Do Carmo ; CLEPS JUNIOR, J. . Aqui Estou, Aqui Faço o Meu Lugar: um estudo sobre percepções e manejo do ambiente entre pequenos agricultores na Comunidade de Barra do Pacuí, Municipio de Ibiaí-MG. 2007. (Membro Titular de Banca de Exame de Qualificação).

FERNANDES, Bernardo Mançano ; CLEPS JUNIOR, J. . BANCO DE DADOS DA LUTA PELA TERRA - DATALUTA - RELATÓRIO 2005 (Brasil). 2006. (Relatório de pesquisa).

CARVALHO, Eduardo Rozetti de ; CLEPS JUNIOR, J. . TERRITORIALIZAÇÃO DA LUTA PELA TERRA EM MINAS GERAIS: PROJETO DATALUTA. 2006. (Relatório de pesquisa).

BRANDÃO, Carlos Rodrigues ; CLEPS JUNIOR, J. ; VLACH, Vânia Rubia Farias . O Trabalho Cooperativo e a Preservação do Cerrado no Entorno do Rio São Francisco: a formação de agentes sócio-solidários. 2006. (Membro Titular de Banca de Exame de Qualificação).

BRANDÃO, Carlos Rodrigues ; CLEPS JUNIOR, J. ; COLESANTI, Marlene T Muno . São Francisco, Caminho Geral do Sertão: cenários de vida e trabalho de pescadores tradicionais em Pirapora e Buritizeiro - Norte de Minas Gerais. 2006. (Membro Titular de Banca de Exame de Qualificação).

GAMA, Maria das Graças Campolina Cunha ; LIMA, Samuel Do Carmo ; BRANDÃO, Carlos Rodrigues ; CLEPS JUNIOR, J. . Água, Vereda, Veredeiro: agricultura e a degradação ambiental nas cabeceiras do rio Formoso, em Buritizeiro/MG. 2005. (Membro Titular de Banca de Exame de Qualificação).

CLEPS JUNIOR, J. . Formação de Jovens Assentados em Agroecologia e Desenvolvimento Rural Sustentável de Projetos de Assentamento de Minas Gerais. 2004. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

SOUZA, Murilo Mendonça Oliveira de ; CLEPS JUNIOR, J. ; FRANCIS, David George ; PESSÔA, Vera Lúcia Salazar . O Cooperativismo Agrícola no Triângulo Mineiro/ Alto Paranaíba. 2004. (Membro Titular de Banca de Exame de Qualificação).

OLIVEIRA, Pedro Machado de ; SANTOS, Rosselvelt José ; CLEPS JUNIOR, J. ; SOARES, Beatriz Ribeiro . As Heranças Culturais e as Relações de Produção na Comunidade dos Bagres, Vazante-MG. 2004. (Membro Titular de Banca de Exame de Qualificação).

PESSÔA, Vera Lúcia Salazar ; MESQUITA, Helena Angélica ; CLEPS JUNIOR, J. . Meio Técnico-Científico-informacional e a (re)Organização do Espaço Agrário no Município de Catalão-GO no Período de 1980 a 2003: o papel do Grupo Rampelotti. 2004. (Membro Titular de Banca de Exame de Qualificação).

FRANCIS, David George ; CLEPS JUNIOR, J. ; PESSÔA, Vera Lúcia Salazar . Desenvolvimento Sustentável e Cooperação Internacional no Brasil: um estudo de caso no Extremo Sul da Bahia. 2004. (Membro Titular de Banca de Exame de Qualificação).

CLEPS JUNIOR, J. . Relações Cidade-Campo no Brasil. 2003. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

CLEPS JUNIOR, J. . Gestão do Espaço Rural. 2002. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

CLEPS JUNIOR, J. ; TROMBIN, M. C. A. . Os Mecanismos de Regulação dos Recursos Hídricos: um estudo comparado entre o Brasil e a Espanha. 2002. (Membro Titular de Banca de Exame de Qualificação).

CLEPS JUNIOR, J. ; MAIA, H. P. V. . Vale do Jequetinhonha: a SUDENE/ADENE no Município de Capelinha (MG). 2002. (Membro Titular de Banca de Exame de Qualificação).

CLEPS JUNIOR, J. ; PAULA, Andréa Maria Narciso Rocha de . A Integração dos Migrantes Rurais no Mercado de Trabalho em Montes Claros, Norte de Minas Gerais. 2002. (Membro Titular de Banca de Exame de Qualificação).

CLEPS JUNIOR, J. ; ROMÃO, D. C. . Medição, Avaliação e Modelagem de Perdas de Frutas e Hortaliças: contribuição à análise ambiental. 2002. (Membro Titular de Banca de Exame de Qualificação).

CLEPS JUNIOR, J. ; BEZERRA, Luiza Maria Capanema . Associativismo Rural, Agricultura Familiar e Pronaf: o município de Orizona (GO). 2002. (Membro Titular de Banca de Exame de Qualificação).

CLEPS JUNIOR, J. ; ORTEGA, A. C. . Economia Agrícola. 2001. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

CLEPS JUNIOR, J. ; GUIMARÃES, L. C. . Luta pela Terra, Cidadania e Novo Território em Construção: o caso da Fazenda Nova Santo Inácio Ranchinho, Campo Florido (MG): 1990-2000. 2001. (Membro Titular de Banca de Exame de Qualificação).

CLEPS JUNIOR, J. . Gestão do Espaço Rural. 2000. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

CLEPS JUNIOR, J. . Aspectos do Transporte Informal por Peruas e Vans: um estudo de caso da cidade de Uberlândia (MG). 2000. (Membro Titular de Banca de Exame de Qualificação).

CLEPS JUNIOR, J. ; LOPES, A. P. . Depois da Terra, o Desafio para Permanecer: o assentamento Muricizal - MuriciLândia (TO). 2000. (Membro Titular de Banca de Exame de Qualificação).

CLEPS JUNIOR, J. . Agricultura e Meio Ambiente: um estudo comparativo entre os sistemas de produção familiar e patronal em Iraí de Minas e Monte Carmelo, Minas Gerais. 2000. (Membro Titular de Banca de Exame de Qualificação).

CLEPS JUNIOR, J. . A Integração Agroindustrial na Suinocultura do Triângulo Mineiro: a Rezende Alimentos. 2000. (Membro Titular de Banca de Exame de Qualificação).

CLEPS JUNIOR, J. . Modernização Agrícola e Reorganização do Espaço Agrário na Região Sudeste de Mato Grosso. 2000. (Membro Titular de Banca de Exame de Qualificação).

CLEPS JUNIOR, J. . A Produção Familiar em Catalão (GO): a Comunidade Coqueiro. 2000. (Membro Titular de Banca de Exame de Qualificação).

CLEPS JUNIOR, J. . Do Sonho Pioneiro a Incorporação Capitalista: reflexões sobre a trajetória do café no município de Votuporanga - 1940 a 1980. 2000. (Membro Titular de Banca de Exame de Qualificação).

CLEPS JUNIOR, J. . Uso do Solo e Agrotóxicos na Microbacia dos Córregos Pantaninho e Barro Preto, em Iraí de Minas (MG). 1999. (Membro Titular de Banca de Defesa de Monografia).

CLEPS JUNIOR, J. . A Produção de Tomate de Mesa em Araguari (MG). 1999. (Membro Titular de Banca de Exame de Qualificação).

CLEPS JUNIOR, J. . Agroindústria e Produção Rural Integrada: um estudo sobre a avicultura no Triângulo Mineiro/ Alto Paranaíba. 1999. (Membro Titular de Banca de Exame de Qualificação).

CLEPS JUNIOR, J. . Geografia Agrária. 1997. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

CLEPS JUNIOR, J. . A Perca de Qualidade dos Produtos Hortícolas na Ceasa de Uberlândia. 1997. (Membro Titular de Banca de Defesa de Monografia).

CLEPS JUNIOR, J. . Pós-Graduação Lato Sensu em Geografia Humana. 1996. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

CLEPS JUNIOR, J. . Complexo Agroindustrial: o agribusiness brasileiro. 1994. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

CLEPS JUNIOR, J. ; COLESANTI, Marlene T Muno . Metodologia do Ensino da Geografia. 1994. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

CLEPS JUNIOR, J. . A Questão Agrária. 1994. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

CLEPS JUNIOR, J. ; PESSÔA, Vera Lúcia Salazar . Uso da Terra na Região do Cerrado. 1994. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

CLEPS JUNIOR, J. . Organização do Espaço Brasileiro. 1994. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

CLEPS JUNIOR, J. . A Questão Agrária no Brasil. 1992. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

CLEPS JUNIOR, J. . A Questão Agrária no Brasil. 1991. .

CLEPS JUNIOR, J. ; GUMIERO, G. D. . Capacitação Docente - Área de Geografia. 1991. .

CLEPS JUNIOR, J. ; SPOSITO, Maria Encarnação Beltrão ; TEIXEIRA, Márcio Antonio ; FREITAS, O. L. C. ; FRANCISCO, F. C. . Reconstituição Histórico-Cartográfica da Evolução da Estrutura Fundiária da Alta Sorocabana e da Expansão Territorial Urbana de Presidente Prudente (SP). 2000 (Exposição Permanente).

SOUZA, L. C. E. ; SILVA, Danielle Fabiane da ; CLEPS JUNIOR, J. . Políticas Públicas de Reforma Agrária e a Criação dos Assentamentos Rurais no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba no Período de 1986 a 2008. 2011 (APRESENTAÇÃO DE PAINÉIS/ PÔSTER) .

CLEPS JUNIOR, J. ; VICTOR, F.B. . Modo de Vida Camponês e a Contra-Reforma Agrária. 2010 (APRESENTAÇÃO DE PAINÉIS/ PÔSTER) .

CLEPS JUNIOR, J. ; VICTOR, F.B. . Reforma Agrária e Territórios em Conflitos em Minas Gerais: banco de dados da luta pela terra - DATALUTA. 2010 (APRESENTAÇÃO DE PAINÉIS/ PÔSTER) .

SILVA, Danielle Fabiane da ; FREITAS, Ricardo Luis de ; CLEPS JUNIOR, J. . A Reforma Agrária de Mercado no Estado de Minas Gerais e a Imnplantação do Projeto Banco da Terra. 2010 (APRESENTAÇÃO DE PAINÉIS/ PÔSTER) .

CLEPS JUNIOR, J. ; VICTOR, F.B. . Luta pela Terra e Territorialização do Campesinato: contribuições da pesquisa DATALUTA-MG". 2010 (APRESENTAÇÃO DE PAINÉIS/ PÔSTER) .

CARDOSO, Lucimeire de Fátima ; CLEPS JUNIOR, J. . Trabalho Coletivo: alternativas e desafios da Socioeconomia Solidária em Projetos de Assentamento Rural, a experiência da Fazenda Nova Tangará em Uberlândia (MG). 2008 (APRESENTAÇÃO DE PAINÉIS/ PÔSTER) .

GONZAGA, Humberto Tomaz ; CARVALHO, Eduardo Rozetti de ; SOUZA, L. C. E. ; BENEDETTI, G. M. P. O. E. S. ; CLEPS JUNIOR, J. . A Construção de uma Metodologia para o Estudo da Questão Agrária em Minas Gerais: Banco de Dados da Luta pela Terra - DATALUTA. 2008 (APRESENTAÇÃO DE PAINÉIS/ PÔSTER) .

SOUZA, L. C. E. ; CLEPS JUNIOR, J. . Territorialização do Capital e Luta pela Terra em Minas Gerais: uma pesquisa sobre os movimentos socioterritoriais no Triângulo Mineiro (PROJETO DATALUTA). 2008 (APRESENTAÇÃO DE PAINÉIS/ PÔSTER) .

SOUZA, Andrêza Gomes ; CLEPS JUNIOR, J. . A Expansão da Agroindústria Canavieira no Triângulo Mineiro. 2008 (APRESENTAÇÃO DE PAINÉIS/ PÔSTER) .

SOUZA, Murilo Mendonça Oliveira de ; PESSÔA, Vera Lúcia Salazar ; MESQUITA, Helena Angélica ; CLEPS JUNIOR, J. . A Luta pela e a Territorialização dos Assentamentos de Reforma Agrária na Microrregião Geográfica de Ji-Paraná - Rondônia: 1970-2005. 2007 (Demais trabalhos relevantes) .

MATOS, Patrícia Francisca de ; PESSÔA, Vera Lúcia Salazar ; MENDONÇA, Marcelo Rodrigues ; CLEPS JUNIOR, J. . Territorialização da Agricultura Moderna no Sudoeste Goiano e a Repestruturação do Espaço Agrária. 2007 (Demais trabalhos relevantes) .

TITADENTES, L. ; SANTOS, Rosselvelt José ; CLEPS JUNIOR, J. . Da Porteira para Dentro: formas, conteúdos e desafios do turismo no espaço rural da microrregião de Viçosa-MG. 2007 (Demais trabalhos relevantes) .

CLEPS JUNIOR, J. ; RIBEIRO, Raphael Medina ; CRUZ, Carla Buiatti ; CARDOSO, Lucimeire de Fátima ; DIAS, Junior César . Caminhos e Realidade da Produção Rural do Assentamento Nova Tangará - Uberlândia (MG). 2006 (APRESENTAÇÃO DE PAINÉIS/ PÔSTER) .

CLEPS JUNIOR, J. ; BRANDÃO, Carlos Rodrigues ; MARAFON, Gláucio José . Participação em Mesa Redonda: Desafios e Perspectivas da Questão Agrária Brasileira. 2006 (Demais trabalhos relevantes) .

CARVALHO, Eduardo Rozetti de ; CLEPS JUNIOR, J. ; RICETO, Álisson . Territorialização do Acesso à Terra: assentamentos legitimados no Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba em 2005. 2006 (APRESENTAÇÃO DE PAINÉIS/ PÔSTER) .

CLEPS JUNIOR, J. . Avaliação e Perspectivas da Reforma Agrária em Minas Gerais. 2006 (APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS) .

CRUZ, Carla Buiatti ; CLEPS JUNIOR, J. . Os Conflitos pela Terra em Minas Gerais: uma avaliação recente a partir das ocupações registradas pelo Projeto Dataluta - MG. 2006 (APRESENTAÇÃO DE PAINÉIS/ PÔSTER) .

CARDOSO, Lucimeire de Fátima ; CLEPS JUNIOR, J. . A Reforma Agrária e a Economia Solidária: reflexões a partir da experiência em projetos de assentamento rural. 2006 (APRESENTAÇÃO DE PAINÉIS/ PÔSTER) .

CLEPS JUNIOR, J. . Mini Curso: Modernização Agrícola no Brasil. 2004 (Demais trabalhos relevantes) .

CLEPS JUNIOR, J. ; CARLOS, Ana Fani Alessandri ; ELIAS, Denise ; MARQUES, Marta Inez . Coodenação de Mesa-Redonda. 2004 (Demais trabalhos relevantes) .

CLEPS JUNIOR, J. . Modernização da Agricultura e Produção Mundial de Alimentos. 2004 (CONFERÊNCIAS) .

CLEPS JUNIOR, J. . Coordenação de Mesa Redonda - Dinâmica Agrária e Ocupação do Cerrado. 2003 (CONFERÊNCIAS) .

CLEPS JUNIOR, J. . Coordenação de Sessão Comunicações Livres - Agricultura Familiar e Políticas Públicas. 2003 (Demais trabalhos relevantes) .

CLEPS JUNIOR, J. . A Profissão de Geógrafo. 2002 (CONFERÊNCIAS) .

CLEPS JUNIOR, J. ; OLIVEIRA, S. S. . A Cadeia de Frutas e Vegetais Tropicais no Triângulo Mineiro: a empresa Maguary S/A de Araguari. 2000 (APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS) .

CLEPS JUNIOR, J. ; GOMES, Renata Mainenti . Reforma Agrária e Democracia: a luta pela terra e a realidade dos assentamentos rurais no Triângulo Mineiro. 2000 (APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS) .

CLEPS JUNIOR, J. ; SOUZA, F. E. . A Dinâmica e Estratégias das Empresas do Complexo Grãos e Carnes no Triângulo Mineiro/ Alto Paranaíba. 2000 (APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS) .

CLEPS JUNIOR, J. ; FERRARI, M. M. . Mão-de-obra no Campo: uma interpretação do Censo Agropecuário do IBGE de 1995/96. 2000 (APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS) .

CLEPS JUNIOR, J. ; OLIVEIRA, G. L. ; ALVES, R. R. . As Novas Ruralidades no Desenvolvimento Agrícola do Triângulo Mineiro. 2000 (APRESENTAÇÃO DE PAINÉIS/ PÔSTER) .

CLEPS JUNIOR, J. ; FERRARI, M. M. . Agroindústria e Produção Rural Integrada no Contexto do Desenvolvimento Sustentável do Cerrado. 2000 (APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS) .

PELEGRINI, D. F. ; CLEPS JUNIOR, J. . Uma Avaliação da Produção Agropecuária Integrada e o Modelo da Rezende Alimentos. 2000 (APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS) .

OLIVEIRA, V. M. ; CLEPS JUNIOR, J. . Agroindústria e Produção Rural Integrada: um estudo sobre a avicultura no Triângulo Mineiro/ Alto Paranaíba. 2000 (APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS) .

CLEPS JUNIOR, J. ; GOMES, Renata Mainenti . A Luta pela Terra e a Realidade dos Assentamentos Rurais no Triângulo Mineiro/ Alto Paranaíba. 2000 (APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS) .

PIZARRO, R. E. C. ; CLEPS JUNIOR, J. . O Papel das Políticas Públicas na Organização do Espaço Agrário do Município de Rio Verde - Goiás. 2000 (APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS) .

SOUZA, F. E. ; CLEPS JUNIOR, J. . Estratégias Econômicas e Territoriais das Agroindústrias Processadoras de Grãos e Carnes na Mesorregião do Triângulo Mineiro/ Alto Paranaíba. 2000 (APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS) .

PELEGRINI, D. F. ; CLEPS JUNIOR, J. . The New Model of the Integration Between Agroindustry/ Medium and Great Agriculturalist in Triangulo Mineiro. 2000 (APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS) .

CLEPS JUNIOR, J. ; OLIVEIRA, S. S. . Considerações sobre a Cadeia Agroindustrial de Frutas Tropicais no Triângulo Mineiro: o caso da empresa Maguary SA. 1999 (APRESENTAÇÃO DE PAINÉIS/ PÔSTER) .

CLEPS JUNIOR, J. ; OLIVEIRA, S. S. . A Cadeia de Frutas e Vegetais Tropicais no Triângulo Mineiro: a empresa Maguary SA de Araguari. 1999 (APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS) .

CLEPS JUNIOR, J. ; OLIVEIRA, S. S. . A Dinâmica da Cadeia Agroindustrial de Frutas Tropicais no Triângulo Mineiro: o caso da empresa Maguary SA. 1999 (APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS) .

CLEPS JUNIOR, J. ; SOUZA, F. E. . Estratégias Econômicas e Territoriais das Agroindústrias Ligadas ao Processamento de Grãos na Mesorregião do Triângulo Mineiro/ Alto Paranaíba. 1999 (APRESENTAÇÃO DE PAINÉIS/ PÔSTER) .

CLEPS JUNIOR, J. ; PELEGRINI, D. F. . Efeitos Sociais da Adoção de Tecnologias no Contexto da Integração Agropecuária da Rezende Alimentos. 1999 (APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS) .

CLEPS JUNIOR, J. ; OLIVEIRA, S. S. . A Cadeia Agroindustrial de Frutas Tropicais: o caso da Empresa Maguary S.A.. 1999 (APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS) .

CLEPS JUNIOR, J. ; SOUZA, F. E. . A realidade das cooperativas agroindustriais no Triângulo Mineiro/ Alto Paranaíba na década de 90: o caso da COPAMIL Ltda.. 1999 (APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS) .

CLEPS JUNIOR, J. ; SOUZA, F. E. . Estratégias Econômicas e Territoriais das Empresas Líderes da Cadeia Soja-Carnes no Triângulo Mineiro/ Alto Paranaíba. 1999 (APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS) .

CLEPS JUNIOR, J. ; FERRARI, M. M. ; CUSTÓDIO, A. B. ; SILVA, P. J. ; SOUZA, F. E. . Mão-de-obra no Campo brasileiro: uma interpretação do censo Agropecuário do IBGE de 1995/96. 1999 (APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS) .

CLEPS JUNIOR, J. ; OLIVEIRA, V. M. . Agroindústria e Produção Rural Integrada no Triângulo Mineiro/ Alto Paranaíba: o caso da avicultura. 1999 (APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS) .

CLEPS JUNIOR, J. . Dinâmica e Estratégias do Setor Agroindustrial no Cerrado: o caso do Triângulo Mineiro. 1998 (TESE DE DOUTORADO) .

CLEPS JUNIOR, J. . A Evolução da Agricultura na Bacia do Rio Araguari, Minas Gerais. 1998 (CONFERÊNCIAS) .

CLEPS JUNIOR, J. . Dinâmica e Estratégias do Setor Agroindustrial no Cerrado: o caso do Triângulo Mineiro. 1998 (APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS) .

CLEPS JUNIOR, J. ; CUSTÓDIO, A. B. . Modernização da Agricultura e Reorganização do Espaço Agrário no Triângulo Mineiro: um perfil da pequena produção em Uberlândia-MG. 1998 (APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS) .

CLEPS JUNIOR, J. ; OLIVEIRA, V. M. . As Estratégias de Agroindustrialização no Cerrado Mineiro: o processo de gestão do território pelas empresas das cadeias de carnes no Triângulo Mineiro/ Alto Paranaíba. 1998 (APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS) .

CLEPS JUNIOR, J. ; SOUZA, F. E. . A Dinâmica do Setor Agroindustrial e Estratégias Econômicas e Territoriais das Empresas Líderes da Cadeia Grãos-Carnes no Triângulo Mineiro/ Alto Paranaíba. 1998 (APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS) .

CLEPS JUNIOR, J. ; OLIVEIRA, S. S. . A Dinâmica do Segmento Agroindustrial das Empresas Ligadas ao Processamento de Frutas e Vegetais Tropicais do Triângulo Mineiro/ Alto Paranaíba. 1998 (APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS) .

CLEPS JUNIOR, J. ; OLIVEIRA, S. S. . A Dinâmica do Segmento Agroindustrial das Empresas Ligadas ao Processamento de Frutas e Vegetais Tropicais do Tiângulo Mineiro/ Alto Paranaíba. 1998 (APRESENTAÇÃO DE PAINÉIS/ PÔSTER) .

CLEPS JUNIOR, J. ; SOUZA, F. E. . A Dinâmica do Setor Agroindustrial e Estratégias Econômicas e Territoriais das Empresas Líderes da Cadeia Grãos-Carnes no Triângulo Mineiro/ Alto Paranaíba. 1998 (APRESENTAÇÃO DE PAINÉIS/ PÔSTER) .

CLEPS JUNIOR, J. ; OLIVEIRA, V. M. . O Processo de Gestão do Território pelas Empresas das Cadeias de Carnes no Triângulo Mineiro/ Alto Paranaíba. 1998 (APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS) .

CLEPS JUNIOR, J. . Os conflitos sociais no campo brasileiro. 1998 (APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS) .

CLEPS JUNIOR, J. . Dinâmica e Estratégias do Setor Agroindustrial no Cerrado: o caso do Triângulo Mineiro. 1998 (TESE DE DOUTORADO) .

CLEPS JUNIOR, J. . Dinâmica Agroindustrial do Cerrado Brasileiro: as principais estratégias das empresas do Triângulo Mineiro. 1997 (APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS) .

CLEPS JUNIOR, J. . Reforma Agrária em Debate. 1997 (CONFERÊNCIAS) .

CLEPS JUNIOR, J. ; CUSTÓDIO, A. B. . Pequena Produção Familiar em Uberlândia: especificidades e tendências. 1996 (APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS) .

CLEPS JUNIOR, J. ; NEDER, H. D. . Agroindústria e Sustentabilidade. 1996 (CONFERÊNCIAS) .

CLEPS JUNIOR, J. ; SHIKI, S. ; FRANCIS, David George ; FERNANDES FILHO, J. F. . Sustentabilidade dos Sistemas de Produção dos Cerrados do Entorno de Iraí de Minas, MG: uma contribuição metodológica para seu estudo. 1996 (APRESENTAÇÃO DE PAINÉIS/ PÔSTER) .

CLEPS JUNIOR, J. ; CUSTÓDIO, A. B. . Pequena Produção Familiar em Uberlândia (MG): especificidades e perspectivas. 1996 (APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS) .

CLEPS JUNIOR, J. ; OLIVEIRA, V. M. . A Trajetória do Complexo Avícola e seus Impactos na Produção Integrada em Uberlândia-MG. 1996 (APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS) .

CLEPS JUNIOR, J. ; CUSTÓDIO, A. B. ; OLIVEIRA, V. M. . A Pequena Produção Familiar nas Áreas de Cerrados: uma tentativa de tipologia dos produtores rurais de Uberlândia, Triângulo Mineiro. 1995 (APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS) .

CLEPS JUNIOR, J. . Política Rural e Pequena Produção Familiar em Uberlândia, Triângulo Mineiro. 1995 (APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS) .

CLEPS JUNIOR, J. ; BRITO, Jorge Luis da Silva . Uso de SIG na Caracterização do Sistema de Produção Agrícola do Município de Uberlândia (MG). 1995 (APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS) .

CLEPS JUNIOR, J. ; CUSTÓDIO, A. B. ; OLIVEIRA, V. M. . A Pequena Produção Familiar nas Áreas de Cerrados: uma tentativa de tipologia dos produtores rurais de Uberlândia, Triângulo Mineiro. 1995 (APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS) .

CLEPS JUNIOR, J. . O Processo de Evolução e Consolidação do Setor Agroindustrial no Cerrado: o caso do Triângulo Mineiro. 1995 (APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS) .

CLEPS JUNIOR, J. ; OLIVEIRA, V. M. . Estudo de Caso: a trajetória do complexo avícola e seus impactos na produção integrada em Uberlândia (MG). 1995 (APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS) .

CLEPS JUNIOR, J. . Estruturação e Relações Intersetoriais do Complexo Agroindustrial em Uberlândia, Triângulo Mineiro. 1994 (APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS) .

CLEPS JUNIOR, J. ; CUSTÓDIO, A. B. ; OLIVEIRA, V. M. . O Pequeno Agricultor no Quadro das Transformações Recentes da Agricultura em Uberlândia, Triângulo Mineiro. 1994 (APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS) .

CLEPS JUNIOR, J. ; CUSTÓDIO, A. B. ; OLIVEIRA, V. M. . O Pequeno Agricultor no Quadro das Transformações Recentes da Agricultura em Uberlândia, Triângulo Mineiro. 1994 (APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS) .

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2019 - Atual

    Territórios em Disputa: Reforma Agrária e questão da terra no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba - MG, Descrição: A presente pesquisa busca compreender a dinâmica agrícola recente da região do Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba com relação a Reforma Agrária e a permanência da agricultura familiar e camponesa no contexto da modernização tecnológica e transformações provocadas pela expansão do agronegócio. A pesquisa reforça um caráter territorial no processo de desenvolvimento rural da agricultura de base familiar e camponesa no contexto das forças e ofensivas provocadas pelo agronegócio e pelo capital no campo brasileiro e mineiro. No caso em estudo, nas últimas décadas, a agricultura capitalista tem se apropriado das políticas públicas de incentivo à produção de agrocombustíveis e territorializando o agronegócio sucroenergético mediante a incorporação de terras e incentivos financeiros. Em grande parte, como demonstrado em outras regiões do País, está ocorrendo uma aliança entre o agronegócio e os proprietários (latifundiário) de terras. Nesse processo, a captura da renda fundiária pelos proprietários de recursos naturais, recoloca a tese da completa ?mercadorização? das terras à revelia da sua função social e ambiental que, de direito, continua a ser fundamento constitucional do direito de propriedade rural no Brasil, conforme preconizado na Constituição Brasileira. A fragilização institucional e a precarização das políticas públicas recentes, o retrocesso na Reforma Agrária, aliado a intensa procura de terras e sua valorização pelo agronegócio (terra mercantil), vêm dificultando a incorporação da maior parte dos agricultores camponeses ao desenvolvimento econômico e sociocultural, limitando a sua permanência na terra (terra trabalho). Frente ao grande poder do capitalismo agrário em curso, estão as lutas dos grupos sociais que denunciam o retrocesso e indicam possibilidades e alternativas que valorizam a diversidade sociocultural e uma outra relação com o ambiente. Demonstrar e analisar a diversidade presente nas agriculturas de base familiar e camponesa é uma forma de ampliar os estudos e os novos significados da Questão Agrária e buscar entender os impasses e dificuldades atuais da Reforma Agrária.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (3) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2018 - Atual

    Estratégias da Agricultura Familiar/Camponesa no Contexto das Lutas Sociais no Campo e da Expansão do Agronegócio em Minas Gerais, Descrição: A presente pesquisa busca compreender a dinâmica recente do mundo rural mineiro com ênfase ao processo de reprodução e permanência da agricultura familiar e camponesa no contexto da modernização e transformações provocadas pela expansão do agronegócio. No caso em estudo, a agricultura capitalista apropria-se das políticas públicas de incentivo à produção de agrocombustíveis territorializando o agronegócio sucroenergético mediante a incorporação de mais terras, modernização de usinas pré-existentes e multiplicação do número destas. Como fundamentação teórica e metodológica, utilizam-se as abordagens de temas agrários, da Geografia Agrária e advindas de áreas afins. No que se a problemática do desenvolvimento rural e aos paradigmas explicativos na atualidade, dois projetos estão em discussões: 1) o projeto hegemônico, que se traduz pela modernização conservadora da agricultura, centrada na grande empresa agropecuária, cujos fundamentos socioeconômicos e políticos são dados pela propriedade concentrada da terra e demais recursos produtivos e para a qual são prioritariamente canalizados os recursos financeiros administrados pelo Estado. Neste caso, prioriza-se o desenvolvimento e o reforço da agricultura empresarial moderna, com enfoque setorial, excludente e empobrecedor. A partir de sua expansão, ocorre o aumento da pobreza e o esvaziamento rural por meio do êxodo e da criação de espaços periféricos e residuais de agricultura praticada por pequenos agricultores em comunidades. 2) Por outro lado, há um reconhecimento e contraponto de que há outras formas de agricultura e vida no campo, com suas particularidades, diversidade e representatividade significativa de comunidades tradicionais. A pesquisa reforça um caráter territorial no processo de desenvolvimento rural da agricultura familiar/camponesa, não setorial como ocorre no desenvolvimento do agronegócio comandado principalmente pelos capitais financeiros, comerciais e industriais.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (4) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Geisa Daise Gumiero Cleps - Integrante / Natália Lorena Campos - Integrante / Fabiana Borges Victor - Integrante / Ricardo Luis de Freitas - Integrante / Janaína Francisca de Souza Campos Vinha - Integrante / Patrícia Santos - Integrante / Evandro César Clemente - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais - Auxílio financeiro.

  • 2018 - Atual

    Terra, Modernidade e Conflitos Agrários: efeitos da territorialização do agronegócio sucroenergético no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba no pós-2000, Descrição: A presente pesquisa busca compreender a dinâmica agrícola recente (pós anos 2000) no contexto da modernização tecnológica e transformações provocadas pela expansão do agronegócio, sobretudo ligado ao setor sucroenergético e seus efeitos socioterritoriais, em especial na agricultura familiar e camponesa na região do Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba, Estado de Minas Gerais. Na região a ser estudada, nas últimas décadas, a agricultura capitalista tem se apropriado das políticas públicas de incentivo à produção de agrocombustíveis e territorializando o agronegócio sucroenergético mediante a incorporação de terras e incentivos financeiros. Em grande parte, como ocorre em outras regiões do País, está ocorrendo uma aliança entre o agronegócio e os proprietários (latifundiário) de terras. Nesse processo, a captura da renda fundiária pelos proprietários de recursos naturais, recoloca a tese da completa ?mercadorização? das terras à revelia da sua função social e ambiental que, de direito, continua a ser fundamento constitucional do direito de propriedade rural no Brasil, conforme preconizado na Constituição Brasileira. A fragilização institucional e a precarização das políticas públicas recentes, o retrocesso na Reforma Agrária, aliado a intensa procura de terras e sua valorização pelo agronegócio (terra mercantil), vêm dificultando a incorporação da maior parte dos agricultores camponeses ao desenvolvimento econômico e sociocultural, limitando a sua permanência na terra (terra trabalho). Frente ao grande poder do capitalismo agrário em curso, estão as lutas dos grupos sociais que denunciam o retrocesso e indicam possibilidades e alternativas que valorizam a diversidade sociocultural e uma outra relação com o ambiente, questionam e denunciam o aumento do uso de agrotóxicos, a perda de qualidade do solo e redução da biodiversidade. Analisar e demonstrar a diversidade presente nas agriculturas de base familiar e camponesa em meio à expansão dos monocultivos do agronegócio ? especialmente da soja, milho e cana-de-açúcar - é uma forma de ampliar os estudos e os novos significados da Questão Agrária e buscar entender os impasses e dificuldades atuais da Reforma Agrária.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (4) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Natália Lorena Campos - Integrante / Ricardo Luis de Freitas - Integrante / Fabiana Borges Victor - Integrante / Janaina Francisca de Souza Campos Vinha - Integrante / Patrícia Santos - Integrante / Evandro César Clemente - Integrante / Ana Sarah dos Passos - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2016 - 2019

    Políticas de Produção de Agrocombustível e Agricultura Familiar em Minas Gerais (1995-2015), Descrição: Projeto de Bolsa Produtividade - CNPq - Edital 2015. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador.

  • 2015 - 2018

    Diversidade e Estratégias da Agricultura Familiar no Contexto das Lutas no Campo e da Expansão do Setor Sucoenergético em Minas Gerais, Descrição: A pesquisa Pesquisador Mineiro apoiada pelo EDITAL FAPEMIG 02/2015 -PROGRAMA PESQUISADOR MINEIRO (PPM IX) busca compreender a dinâmica recente e os efeitos socioespaciais e econômicos da expansão da produção de agrocombustível, em especial do setor sucroenergético e os efeitos na produção agroalimentar, concentração de capitais e de terras. A crescente demanda mundial de combustíveis alternativos nos últimos dez anos (2003-2013) tem ampliado a expansão da produção de agrocombustível para os cerrados e novas fronteiras do Centro-Sul do Brasil. Estimulada pelas políticas públicas para o setor canavieiro, pela infraestrutura existente, disponibilidade hídrica e preço das terras, a região do Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba é a principal produtora do Estado de Minas Gerais, concentrando 75% da produção canavieira. Das 48 unidades do setor sucroenergético atualmente existentes no estado cerca, cerca de 31 estão situadas nesta região. O apoio estatal para o agronegócio canavieiro inclui constante rolagem em dívidas, incentivos fiscais, crédito a juros subsidiados e segurança de mercado, através de acordos internacionais de comércio e da retomada dos incentivos para a produção de agrocombustíveis. A tendência recente inclui também de ampliação da participação do capital internacional nas usinas brasileiras e do estado de Minas Gerais. A pesquisa busca refletir sobre as formulações conceituais e teóricas básicas na Geografia, em específico na Geografia Agrária e os reflexos da problemática nos processos territoriais, econômicos e sociopolíticos.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais - Bolsa.

  • 2015 - Atual

    Aspectos das Paisagens do Cerrado, Descrição: Projeto de pesquisa vinculado ao Programa de Pós-Graduação em Geografia, da Universidade Federal de Goiás,/ Campus de Catalão.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Integrante / Estevane de Paula Pontes Mendes - Integrante / Idelvone Mendes Ferreira - Coordenador.

  • 2013 - 2018

    Agricultura Familiar, Agronegócio e Território: as novas faces da modernização do campo e os rumos do mundo rural mineiro, Descrição: O cenário de crise energética e o processo de transição para fontes de energia renováveis e ?sustentáveis? vêm provocando um movimento global sobre o campo para atender a demanda internacional de energia. Este processo tem implicado numa ofensiva ainda pouco dimensionada em seus efeitos sobre as áreas rurais, apesar das avaliações destes impactos já serem sentidos quanto à expansão do agronegócio, tanto no Brasil como na América Latina vem ocorrendo em associação aos capitais internacionais. A agricultura capitalista apropria-se das políticas públicas de incentivo à produção de agrocombustíveis territorializando o agronegócio sucroalcooleiro mediante a incorporação de mais terras, modernização de usinas pré-existentes e multiplicação do número destas, especialmente nos estados de São Paulo, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul e Goiás. Dados sobre os projetos de instalação de unidades sucroalcooleiras até 2014, Minas Gerais terá 58 usinas, com uma moagem de 100 milhões de toneladas de cana, atingindo a produção de 5,5 bilhões de litros de etanol e 3,4 milhões de toneladas de açúcar. O Estado já é o 2 produtor nacional moagem de cana-de-açúcar e produção de açúcar, sendo superado apenas para o Estrado de São Paulo, e terceiro lugar na produção de etanol na safra 2011/2012. Assim, a presente pesquisa busca compreender a dinâmica recente do mundo rural mineiro com ênfase ao processo de reprodução e permanência da agricultura familiar e camponesa no contexto da modernização e transformações provocadas pela expansão canavieira e do agronegócio. Justificamos que os temas principais desta proposta envolvem a produção de agrocombustível e a reprodução da produção familiar e camponesa. Como fundamentação teórica e metodológica, utiliza-se a abordagem de temáticas agrárias, algumas clássicas, outras mais contemporâneas em amplo processo de discussão nas ciências humanas. Entendemos que não é possível esgotar e realizar abordagem completa do problema central da pesquisa que está relacionado à expansão da produção de agrocombustível e seus efeitos socioterritoriais. Utilizamos um referencial a partir da visão e leituras críticas sobre a questão em discussão na Geografia e áreas afins.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (7) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (4) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Geisa Daise Gumiero Cleps - Integrante / Natália Lorena Campos - Integrante / Fabiana Borges Victor - Integrante / Wesley Alves Vieira - Integrante / Daise Jesus de Moura - Integrante / Ricardo Luis de Freitas - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 19 / Número de orientações: 8

  • 2013 - 2017

    Território e Agronegócio em Minas Gerais: Produção de Agrocombustível e disputas territoriais, Descrição: O tema principal desta pesquisa envolve a produção de agrocombustível, que tem se convertido numa questão político-ideológica e um dos elementos principais da discussão da atual questão agrária. O objetivo central é estudar as dimensões socioterritoriais da expansão da produção recente de agrocombustível no espaço agrário do Centro-Sul do Brasil, compreendendo principalmente as regiões de Minas Gerais. Buscaremos analisar a expansão da produção da agroenergia e suas relações com as estruturas sociais rurais, principalmente da produção familiar/camponesa, a reprodução dos capitais e seu papel no modelo de desenvolvimento e debate sobre a crise alimentar. No desenvolvimento brasileiro, a agricultura capitalista apropria-se das políticas públicas de incentivo à produção de agrocombustíveis territorializando o agronegócio sucroalcooleiro mediante a incorporação de mais terras, modernização de usinas pré-existentes e multiplicação do número destas, especialmente nos estados de São Paulo, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul e Goiás a partir dos anos 1990. Os impactos nem sempre são positivos, mas têm gerado diversos problemas, como a competição com as culturas de grãos e a com a pecuária, levada a expandir suas fronteiras em outros locais e regiões; ou, ainda, a elevação do preço da terra, dificultando seu acesso a outros usos, como a reforma agrária ou o plantio de alimentos. Assim, do ponto de vista da contribuição da pesquisa, leva a conclusão que a questão agrária passa a apresentar novos componentes de análise e compreensão, que na maioria dos casos decorrem das políticas neoliberais que têm conduzido à: substituição da questão agrária pelas políticas de desenvolvimento rural sustentável; difusão da concepção de alívio da pobreza rural; e deslocado do Estado para o mercado a atribuição da resolução de problemas estruturais do campo brasileiro, a exemplo da reforma agrária com a criação das políticas de crédito fundiário.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (5) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / João Edmilson Fabrini - Integrante / Bernardo Mançano Fernandes - Integrante / Eraldo da Silva Ramos Filho - Integrante / Natália Lorena Campos - Integrante / Ricardo Luis de Freitas - Integrante / Fabiana Borges Victor - Integrante / Daise Jesus de Moura - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais - Auxílio financeiro.

  • 2013 - 2015

    Estado, Capital e Campesinato no Desenvolvimento das Políticas de Produção de Alimentos e Agrocombustíveis no Brasil e em Cuba. Semelhanças e Diferenças, Descrição: Este projeto de cooperação científica internacional propõe uma interpretação geográfica e histórica da problemática relacional em curso no Brasil e em Cuba, no tocante à questão agrária. Delimitamos como seu objetivo científico e técnico geral um estudo comparativo e analítico das transformações recentes no campo brasileiro e cubano. O foco de análise é o papel desempenhado pelo Estado nas políticas públicas voltadas para o campo em modelos de desenvolvimento distintos. Estas transformações que se produzem como resultado das novas condições e processos vigentes no desenvolvimento de suas sociedades e economias, se manifestam em múltiplas direções que devem ser analisadas. Delimitamos esta investigação no interstício 1994-2012, época em que Cuba presencia: mudanças na posse e uso do solo, variação significativa nos níveis de mecanização e quimificação da agricultura, impactos e modificação nos processos agroindustriais, aparição de novos interesses entre a população rural que pode variar hábitos de comportamento até os recursos assim como os níveis de consumo, perda da homogeneização social alcançada durante 1959-1989 etc. A primeira fase da cooperação científica durou até a 2009, quando obtivemos a aprovação da renovação do projeto de pesquisa para realização de uma segunda fase de investigação conjunta entre 2009-2011. Este foi um período histórico de importantes mudanças políticas e econômicas no Brasil e em Cuba. A cooperação possibilitou a realização de intercâmbio entre pesquisadores de distintos países (Brasil, Cuba, Estados Unidos, Espanha, México, Argentina, Equador, Guatemala, Uruguai, Colômbia, etc.), diferentes instituições de nível superior (FCT-UNESP, UFS, Universidade do Oeste do Paraná - UNIOESTE, Grand Valley State University - GVSU ? EUA e a FG-UH), assim como outros órgãos governamentais como MINAG, MINAZ, ICIDICA etc. e o diálogo direto entre profissionais de duas áreas do conhecimento (Geografia e História), bem como a o debate de ideias formuladas e/ou em construção no contexto das linhas de pesquisas de cada pesquisador. Os momentos de realização de missões internacionais (de estudo e trabalho) configuraram-se como importantes oportunidades de intercambio e produção de conhecimentos entre e conjunto com a equipe estrangeira, mas, sobretudo de atuação nos cursos de graduação e pós-graduação das IES anfitriãs, assim como de contato e interação com seus pesquisadores. Diante destes resultados consolidados, pretendemos a partir da experiência construída, das redes formadas entre e intra países ampliar os estudos envolvendo novos órgãos como o Instituto de Geografia Tropical, o CITIMA e o recém criado Grupo Empresarial AZCUBA, em Cuba, no Brasil destaca-se a liderança do projeto pelo Programa de Pós-graduação em Geografia de Uberlândia e a entrada efetiva do Núcleo de Pós-graduação em Geografia. Ademais novos investigadores se agregaram à proposta em ambos países ampliando possibilidades de formação de mais pessoal de alto nível na geografia brasileira e cubana e permanente intercâmbio com os pesquisadores que participaram em etapas anteriores, cujo coletivo segue atuando nos grupos de pesquisa envolvidos nesta proposta.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (2) Doutorado: (2) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Geisa Daise Gumiero Cleps - Integrante / João Edmilson Fabrini - Integrante / Bernardo Mançano Fernandes - Integrante / Eraldo da Silva Ramos Filho - Integrante / Roberto Gonzáles Sousa - Integrante / Angelina Herrera Sorzano - Integrante / Airton Sieben - Integrante / Carlos Alberto Feliciano - Integrante / Federico Sulroca Domínguez - Integrante / Vanessa Linares Cabrera - Integrante / Reinaldo Sousa - Integrante / Marília Andrade Fontes - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Cooperação.

  • 2012 - 2017

    Estado, Questão Agrária e Conflitos Territoriais: um estudo comparativo entre Sergipe, Paraíba e Minas Gerais, Descrição: A presente proposta busca o fomento à cooperação científica interinstitucional por meio de realização projeto de investigação científica interregional e interestadual entre o Núcleo de Pós-graduação em Geografia (NPGEO) da Universidade Federal de Sergipe (UFS)(Recomendado pela CAPES ? Conceito 4 ? Mestrado/Doutorado), o Programa de Pós-graduação em Geografia da Universidade Federal da Paraíba (Recomendado pela CAPES ? Conceito 4), e o Programa de Pós-graduação em Geografia da Universidade Federal de Uberlândia(Recomendado pela CAPES ? Conceito 5 ? Mestrado e Doutorado).A compreensão das políticas de desenvolvimento para o campo e da apropriação da natureza, através do controle da terra e da água, remete a investigação da espacialização de novas relações de produção no campo e seus desdobramentos na distribuição e controle dos recursos, na dinâmica da unidade de produção familiar e formas de organização, resistência e permanência das populações rurais, além das relações patrimonialistas atreladas à política de desenvolvimento territorial que se fundamenta no princípio de participação e identidade local. Considera-se que o aprofundamento das relações capitalistas de produção no campo brasileiro a partir da década de 1960, de maneira contraditória contribuiu para aumentar a dependência do campo e, sobretudo, da unidade de produção familiar ao mercado. Novas formas de produzir tornaram o espaço agrário mais competitivo e inserido em mercados mais exigentes, transformando-os em territórios em disputa.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (12) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Integrante / Geisa Daise Gumiero Cleps - Integrante / Marcelo Cervo Chelotti - Integrante / Eraldo da Silva Ramos Filho - Coordenador / Fabiana Borges Victor - Integrante / Mirlei Fachini Vicente - Integrante / Marco Antonio Mitidiero Junior - Integrante / Emilia de Rodat Fernandes Moreira - Integrante / María Franco García - Integrante / Ivan Targino Moreira - Integrante / Josefa de Lisboa Santos - Integrante / Ana Rocha dos Santos - Integrante / Richarde Marques da Silva - Integrante / Pedro Costa Guedes Vianna - Integrante / Maria Adailza Martins de Albuquerque - Integrante / Ricardo Luis de Freitas - Integrante / Valentina Montealegre Melo - Integrante.

  • 2011 - Atual

    Geografia dos Conflitos no Campo em Minas Gerais: pesquisas, metodologias e estudos a partir do Banco de Dados da Luta pela Terra - DATALUTA, Descrição: O projeto constitui uma importante fonte de dados e informações qualitativas para a compreensão das realidades e cenários criados a partir da luta pela terra, no sentido de apreender as experiências políticas e lutas sociais que se desenvolvem no campo brasileiro e em Minas Gerais. O banco de dados (DATALUTA) vem sendo organizado desde 2005 e assume importância na medida em que tem sido utilizado como subsídio para elaboração de políticas públicas e pesquisas vinculadas á questão agrária brasileira. A proposta pauta-se na necessidade do registro e sistematização da realidade da luta pela terra, em especial no estado de Minas Gerais, enfatizando a atuação dos movimentos socioterritoriais, que se desenvolvem por meio dos conflitos agrários, afirmando assim o seu lugar social no campo brasileiro. As linhas de investigação a serem fortalecidas com as pesquisas a partir desta proposta visam dar continuidade e aprofundar projetos da Rede DATALUTA integrada pelos grupos de pesquisas: NERA-SP, LAGEA-MG, GEOLUTAS-PR, NEAG-RS, OCCA-ES, LABER-SE e Laboratório Geografia Agrária-MT. Os dados pesquisados pelo DATALUTA são referentes às ocupações, manifestações, movimentos socioterritoriais e assentamentos rurais e estrutura fundiária. Assim, as atividades a serem realizadas pelo bolsista de iniciação científica estão pautadas no desenvolvimento de um sistema de informação permanente, sistemático e integrado do banco de dados das categorias envolvidas sobre o estado de Minas Gerais, ao mesmo tempo em que irá também reunir as informações de outros grupos de pesquisas com vistas a oferecer subsídios ao processo de gestão e compreensão da Reforma Agrária e da Questão Agrária em nível nacional e estadual.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (3) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Natália Lorena Campos - Integrante / Ricardo Luis de Freitas - Integrante / Fabiana Borges Victor - Integrante / Patrícia Santos - Integrante., Financiador(es): Universidade Federal de Uberlândia - Bolsa / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2010 - 2014

    Desenvolvimento Territorial e Políticas de Produção de Agrocombustível e Soberania Alimentar em Minas Gerais, Descrição: Esta proposta da continuidade às pesquisas em curso nos últimos anos nas temáticas da questão agrária, campesinato e agronegócio e está associado basicamente a três grupos de pesquisa integrantes da rede DATALUTA cadastrados no CNPq: o Laboratório e Geografia Agrária (LAGEA-UFU), o Núcleo de Estudos, Pesquisas e Projetos de Reforma Agrária (NERA-UNESP/Presidente Prudente) e o Laboratório e Grupo de Pesquisa de Geografia das Lutas e Conflitos Sociais (GEOLUTAS - Universidade Estadual do Paraná/Campus de Marechal Cândido Rondon). O tema principal desta pesquisa e problemática envolve a produção de agrocombustível, que tem se convertido numa questão político-ideológica e um dos elementos principais da discussão da atual questão agrária a partir da percepção sobre o agravamento de problemas em curso advindos do aquecimento global, a finitude dos combustíveis fósseis (em particular do petróleo) e seus efeitos para o agravamento dos problemas climáticos em face da sua utilização massiva em todo o planeta. O objetivo central da pesquisa é compreender as dimensões socioterritoriais da expansão da produção recente de agrocombustível no espaço agrário de Minas Gerais e suas relações com as estruturas sociais rurais (principalmente da produção familiar/camponês) e a reprodução dos capitais e seu papel no modelo de desenvolvimento e debate sobre a crise alimentar.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Bernardo Marnçano Fernandes - Integrante / João Edmilson Fabrini - Integrante / Eraldo da Silva Ramos Filho - Integrante / Natália Lorena Campos - Integrante / Ricardo Luis de Freitas - Integrante / Fabiana Borges Victor - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2010 - 2013

    Agrocombustível e Soberania Alimentar: desenvolvimento territorial e novas fronteiras da reprodução do capital sucroalcooleiro nos cerrados de Minas Gerais, Descrição: Esta proposta de pesquisa tem por finalidade levantar e sistematizar as informações básicas que permitam a análise do crescimento da agricultura familiar/camponesa e do agronegócio na última década, por meio de fontes oficiais (IBGE) e estudos e pesquisas próprias realizadas sobre a questão agrária no Estado de Minas Gerais (DATALUTA). Em termos de objetivos gerais, a pesquisa busca compreender as principais mudanças no cerrado mineiro, notadamente o crescimento da agricultura camponesa por meio dos assentamentos de reforma agrária e as relações com o agronegócio no Estado de Minas Gerais. Por outro lado, visa também estudar os desdobramentos do processo recente de crescimento da produção de commodities, particularmente do setor sucroalcooleiro, em termos de utilização produtiva da terra, geração de emprego e produção de alimentos, em relação à produção camponesa que vem sendo recriada nos assentamentos rurais. Assim, esta pesquisa torna-se importante para verificar o processo de intensificação da modernização da agropecuária nas áreas dos cerrados, de forma a compensar a falta de dados concretos e atualizados sobre a dinâmica geral da agricultura e da luta pela terra no Estado de Minas Gerais e principalmente na região do Triângulo Mineiro.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Geisa Daise Gumiero - Integrante / Bernardo Marnçano Fernandes - Integrante / João Edmilson Fabrini - Integrante / Eraldo da Silva Ramos Filho - Integrante / Natália Lorena Campos - Integrante / Ricardo Luis de Freitas - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais - Bolsa.

  • 2009 - 2012

    Apropriação do Território e Reprodução do Capital Sucroalcooleiro no Estado de Minas Gerais: 1995/96 - 2007, Descrição: A presente proposta de pesquisa consiste em compreender as contradições e conflitos gerados pela expansão recente da atividade sucroalcooleira em Minas Gerais, estabelecendo os vínculos e especificidades desse processo na região do Triângulo Mineiro. A importância de compreendermos a configuração do agronegócio ligado à produção sucroalcooleira em Minas Gerais, particularmente na região de maior territorialização do setor, é imprescindível face às transformações e nova dinâmica no país e mercado internacional de commodities, buscando estabelecer as inter-relações e singularidades desse processo para a área em estudo, especialmente no que concerne às áreas de pequena agricultura tradicional no cerrado e aos conflitos no âmbito da luta pela terra e reforma agrária. Busca-se, com a pesquisa, contribuir na análise e compreensão deste modelo de agricultura a partir da em um dos principais complexos agroindustriais do país ? a saber, o sucroalcooleiro ? na região onde seu capital encontra-se mais fortemente territorializado.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa., Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 1

  • 2009 - 2011

    O Lugar e as Formas de Comercialização de Produtos e Serviços Solidários em Minas Gerais, Descrição: Esta pesquisa tem como principal objetivo identificar, espacializar e analisar os lugares e as formas de comercialização dos produtos solidários existentes no estado de Minas Gerais. Como um processo que tem como base os princípios de cooperação e do trabalho coletivo, diferenciando-se do sistema capitalista vigente, o comércio solidário é visto como uma possível alternativa para a parcela da população excluída do mercado formal de trabalho, visto que busca valorizar as experiências de trabalho coletivo e autogestionário. No Brasil e em Minas Gerais, as práticas solidárias constituem-se numa realidade. Desde seu surgimento em 1999, até os dias atuais, as principais formas de comercialização dos produtos solidários praticados no Brasil seguem os moldes do comércio solidário com destaques para as feiras locais ou itinerantes, as cooperativas de compra, as vendas institucionais, as trocas de mercadorias (na forma de escambo), as lojas de produtores e as lojas e pontos de venda solidários.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Integrante / Geisa Daise Gumiero Cleps - Coordenador / Luciene Rodrigues - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2011

    Estudo Comparativo entre os Campos do Brasil e Cuba: agrocombustíveis, soberania alimentar e campesinato, Descrição: Projeto de Cooperação Científica Internacional Brasil-Cuba Edital CGCI 002/2009 ? Programa CAPES MES CUBA Projeto 1217-09-7. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Integrante / João Edmilson Fabrini - Integrante / Bernardo Mançano Fernandes - Coordenador / Eraldo da Silva Ramos Filho - Integrante / Clifford Andrew Welch - Integrante / Roberto Gonzáles Sousa - Integrante / Angelina Herrera Sorzano - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Cooperação.

  • 2009 - 2011

    Territórios em Conflito (Disputas entre campesinato, agronegócio e latifúndio), Descrição: A preocupação central desta proposta de pesquisa é levantar e analisar informações sobre os diferentes conflitos existentes entre os camponeses e agronegócio/latifúndio nos Estados do Paraná, São Paulo e Minas Gerais no período de 1998 a 2008. Neste confronto, os movimentos camponeses se constituem numa importante representação política, social e econômica para negar os esquemas de dominação e subordinação gestados pelos agronegócio e latifúndio. Assim, é possível verificar entre os camponeses e o agronegócio um conjunto de ações assentadas no território que se erguem como parte das estratégias de existência, resistência e expansão de ambos os modelos de desenvolvimento (campesinato e agronegócio).. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (12) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Integrante / João Edmilson Fabrini - Coordenador / Bernardo Mançano Fernandes - Integrante / Clifford Andrew Welch - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2008 - 2011

    Os Novos Territórios do Agronegócio e do Campesinato no Centro-Sul do Brasil (1995-96-2006), Descrição: Esta pesquisa tem por finalidade levantar e sistematizar as informações básicas que permitam análise do crescimento da agricultura familiar/ camponesa e do agronegócio na última década, por meio de fontes oficiais e próprias, elaboradas pela rede de pesquisa constituída nos três estados da federação que vêm apresentando mudanças socioterritoriais significativas. Em termos de objetivos gerais, a pesquisa busca compreender as principais mudanças no campo brasileiro, notadamente o crescimento da agricultura camponesa por meio dos assentamentos de reforma agrária e as relações com o agronegócio nos Estados de São Paulo, Minas Gerais e Paraná. A falta de dados concretos e atualizados sobre a dinâmica geral da agricultura e da luta pela terra no Brasil têm criado uma lacuna importante nos estudos agrários.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (9) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (3) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / João Edmilson Fabrini - Integrante / Bernardo Mançano Fernandes - Integrante / Eraldo da Silva Ramos Filho - Integrante / Clifford Andrew Welch - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 6 / Número de orientações: 4

  • 2008 - 2009

    Tradicionalidade e Modernidade: processos de (Re)Territrialização e Agronegócio em Minas Gerais, Descrição: Este projeto de pesquisa tem por objetivo avaliar os efeitos da expansão do agronegócio sobre as populações tradicionais e em novas áreas de assentamentos rurais, buscando compreender esse novo processo de territorialização da produção, notadamente sobre duas regiões: o Norte de Minas (populações ribeirinhas do Rio São Francisco) e Triângulo Mineiro (Pontal do Triângulo). A compreensão do território e a questão da identidade são pontos de significativa importância para a análise dos processos de (des)territorialização provocados pela expansão da agricultura produtora de grãos, do reflorestamento e mais recentemente do setor sucroalcooleiro. Este modelo de desenvolvimento agrícola tem provocado impactos negativos em comunidades camponesas, ribeirinhas, indígenas e quilombolas, que têm seus territórios ameaçados pela constante expansão do capital. A proposta visa ampliar e consolidar a linha de pesquisa sobre as relações entre o ambiente e a sociedade, com investigações nos temas populações tradicionais, comunidades rurais, territórios, sustentabilidade entre outros, a partir do estágio de pós-doutorado no Núcleo de Estudos e Pesquisas Ambientais ? Nepam da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP).. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2007 - 2010

    Os Novos Territórios do Etanol: a expansão da agroindústria canavieira em Minas Gerais e os efeitos sobre a produção familiar e o trabalho rural no Triângulo Mineiro, Descrição: Este projeto de pesquisa objetiva compreender as contradições do processo de expansão do setor sucroalcooleiro na região do Triângulo Mineiro, notadamente sobre a produção agrícola familiar, o trabalho rural e o meio ambiente. Objetivos Específicos - Analisar o processo migratório da mão-de-obra, os principais destinos dos migrantes, bem como as condições de trabalho nas principais áreas de expansão da produção de cana-de-açúcar na região, - Avaliar os efeitos sócio-econômicos e ambientais provocados ela implantação de novas unidades produtoras de açúcar e álcool em áreas de assentamentos rurais de reforma agrária, - Caracterizar os impactos da concentração econômica do setor sucroalcooleiro em Minas Gerais e Triângulo Mineiro, - Estudar a representação de interesses do setor sucroalcooleiro, bem como suas formas de organização e atuação em nível nacional estadual e regional, - Avaliar os efeitos sócio-econômicos da entrada da cana-de-açúcar em áreas de assentamentos rurais, - Analisar as características e os sistemas de arrendamento, parceria e terceirização, bem como o processo de valorização das terras a partir da chegada de novos empreendimentos da cana na região.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Eduardo Rozetti de Carvalho - Integrante / Andrêza Gomes de Souza - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.Número de orientações: 3

  • 2007 - 2009

    Estudo Comparativo do Desenvolvimento do Campo Brasil - Cuba: 1993-2005, Descrição: Projeto de cooperação científica Brasil-Cuba.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (4) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Integrante / João Edmilson Fabrini - Integrante / Bernardo Mançano Fernandes - Coordenador / Cliff Welch - Integrante / Eraldo da Silva Ramos Filho - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Auxílio financeiro.

  • 2006 - 2009

    Tempos e Espaços nas Comunidades Rurais no Alto e Médio São Francisco, Minas Gerais. Uma Pesquisa Interdisciplinar sonre Permanências e Mudanças de Modos de Vida em Comunidades Rurais e Ribeirinhas, Descrição: Esta proposta de pesquisa integra uma equipe formada por pessoas provenientes de diferentes áreas e sub-áreas das ciências humanas e sociais. A pesquisa proposta é transdisciplinar no sentido em que envolverá uma abordagem tão integrada quanto possível das ciências e suas especialidades compreendidas entre a Geografia (Agrária, Cultural e Ambiental), a Sociologia, a Antropologia, a Economia, a Ecologia e as Ciências Políticas. Em suas diversas fases e em seus diferentes momentos, a pesquisa incide sobre modos de vida e trabalho de populações rurais, com foco sobre a memória social/ história oral, o manejo sustentável do ambiente e a relação com os cenários naturais e sociais e com os processos de trabalhos produtivos, bem como as práticas tradicionais em vias de desaparecimento nos cenários de vida nas regiões do Alto (Serra da Canastra) e Médio São Francisco (região de Pirapora), no Estado de Minas Gerais. A pesquisa será realizada basicamente na Bacia do Rio São Francisco, ao longo de duas grandes áreas críticas, entre águas e terras que o rio conduz e atravessa um conjunto interativo e integrado de pesquisas empíricas com o seu foco na Geografia Agrária. Todas elas têm relação com um tripé de ?campo de questões?: a agrária, a agrícola e a ambiental. Todas elas têm algo a ver com as interações críticas e bem atuais entre: estruturas agrárias de posse e uso da terra (suas estruturas, seus processos, suas transformações); sistemas sócio-tecnológicos de produção (formas culturais modernizadas ou tradicionais de trabalho agrícola, pastoril ou extrativista); percepções, significações e formas culturais de manejo do meio ambiente na socialização da natureza.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (5) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Samuel do Carmo Lima - Integrante / Geisa Daise Gumiero Cleps - Integrante / Luciene Rodrigues - Integrante / Maria das Graças Campolina Cunha Gama - Integrante / Rodrigo Herles Santos - Integrante / Carlos Rodrigues Brandão - Integrante / Cristiano Barbosa - Integrante / Andrea Maria Narciso Rocha de Paula - Integrante / Lucimar Magalhães de Albuquerque - Integrante / Sandra Regina Torres Dumont - Integrante / Joycelaine Aparecida de Oliveira - Integrante / Leopoldo Gabriel Thiesen - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais - Bolsa / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 16 / Número de orientações: 2

  • 2005 - 2008

    Territorialização do Capital e Luta pela Terra em Minas Gerais: uma pesquisa sobre os movimentos socioterritoriais no Triângulo Mineiro - PROJETO DATALUTA, Descrição: A pesquisa "Territorialização do Capital e Luta pela Terra em Minas Gerais: uma pesquisa sobre os movimentos socioterritoriais do Triângulo Mineiro - Projeto DATALUTA" objetiva estudar o processo de territorialização da luta pela terra em Minas Gerais e particularmente na região do Triângulo Mineiro, envolvendo a sistematização das ocupações, acampamentos e assentamentos em processos e projetos de reforma agrária. O desenvolvimento da pesquisa envolve um grande esforço de coleta e análise de informações que se encontram não apenas dispersas, mas também sob formatos e estruturas diferenciadas. Assim, será necessário criar uma rede de coleta de informações que minimize os deslocamentos da equipe, bem como estabelecer parâmetros que permitam sistematização e análise dos dados e informações. Esta mesma rede servirá de veículo para divulgação dos resultados. A proposta se insere na tentativa de seus idealizadores (UNESP/NERA/MST) de ampliação da escala geográfica da pesquisa, iniciada em São Paulo e agora em Minas. Gerais. O projeto DATALUTA foi criado em 1998 em São Paulo, com o objetivo de termos um banco de dados das ocupações de terra, dos acampamentos e dos assentamentos rurais. Atualmente existem três entidades que documentam as ações dos movimentos socioterritoriais: a Comissão Pastoral da Terra - CPT, a Ouvidoria Agrária do Ministério do Desenvolvimento Agrário - MDA e o NERA, por meio do DATALUTA. Essas entidades trabalham com diferentes metodologias de pesquisa, de modo que os dados sobre um mesmo tema, algumas vezes, são apresentados sob formas diferentes. Todavia, são as principais referências para os estudiosos e interessados em compreender o movimento da questão agrária no Brasil.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Luciene Rodrigues - Integrante / Eduardo Rozetti de Carvalho - Integrante / Lucimeire de Fátima Cardoso - Integrante / Bernardo Mançano Fernandes - Integrante / Paulo Roberto Garcia - Integrante / Andrêza Gomes de Souza - Integrante / Camilla Ferreira Gouveia - Integrante / Gilberta Maria Pires de Oliveira e Souza Benedetti - Integrante / Luciana Carvalho e Souza - Integrante / Humberto Corraz Gonzaga - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais - Auxílio financeiro / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa., Número de produções C, T & A: 23 / Número de orientações: 8

  • 2001 - 2002

    Reforma Agrária e Democracia: a luta pela terra e a realidade dos assentamentos rurais no Triângulo Mineiro [Projeto FAPEMIG/PIBIC - Processo 124/2001], Descrição: O objetivo geral da pesquisa foi compreender o contexto sócio-econômico e político dos projetos de assentamento rurais no Triângulo Mineiro, identificando as principais estratégias governamentais e de reprodução das unidades de produção familiar. Os objetivos específicos do projeto procuram seguir os seguintes pontos: 1) Avaliar a atual realidade dos conflitos sociais e dos interesses contraditórios nos movimentos organizados de luta pela terra, nos diversos assentamentos no Triângulo Mineiro; 2) Elaborar um perfil dos assentamentos rurais e dos produtores envolvidos: caracterizar, com base nos questionários aplicados pelos pesquisadores da Gerência Especial do Triângulo Mineiro do INCRA os projetos selecionados na região do Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba; 3) Analisar a dinâmica dos assentamentos rurais desta região através dos programas propostos pelo governo e das formas de organização desenvolvidas pelos próprios movimentos sociais.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Renata Mainenti Gomes - Integrante / Lílian Carla Moreira Bento - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais - Bolsa., Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 3

  • 2000 - 2002

    Gestão Ambiental da Bacia do Rio Araguari - Rumo ao Desenvolvimento Sustentado [CNPq-PCOPP 520754/99-9], Descrição: O objetivo principal da pesquisa foi estudar os principais problemas de degradação ambiental nos municípios da bacia do rio Araguari, com o propósito de contribuir para a gestão dos recursos naturais e fornecer subsídios à definição de políticas que visem à promoção do desenvolvimento sustentável da economia regional. Identificou-se que os principais problemas ambientais das áreas urbanas e rurais relacionam-se, sobretudo, com a forte urbanização e a modernização da agropecuária, ocorridas a partir do final da década de 1970. Verificou-se que a questão da água tem merecido maior destaque no contexto regional, na medida em que a escassez, em virtude da reorganização produtiva pela expansão do cultivo de grãos, sobretudo do café, têm contribuído para o aumento dos impactos e a degradação dos recursos naturais. O foco principal da pesquisa dos problemas ambientais foi para as águas superficiais. Nesta linha de análise, procurou-se dar maior ênfase ao papel do Comitê da Bacia Hidrográfica do rio Araguari, uma vez que esse comitê constitui o principal organismo de gestão dos recursos hídricos da região. Como referencial para análise regional, buscou-se o recorte espacial político-administrativo em razão da disponibilidade dos dados em nível de município. Por outro lado, ao abordar os problemas sócio-ambientais nas áreas rurais e urbanas da bacia hidrográfica do rio Araguari, o melhor critério, em termos de gestão e planejamento, apesar das limitações e imperfeições que possam resultar deste esforço, é a unidade bacia hidrográfica,. Foram também realizadas entrevistas e recolhidas informações de pesquisas desenvolvidas na área da bacia do rio Araguari.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Integrante / Samuel do Carmo Lima - Coordenador / Beatriz Ribeiro Soares - Integrante / Vera Lúcia Salazar Pessôa - Integrante / Jorge Luis da Silva Brito - Integrante / Rosselvelt José Santos - Integrante / Roberto Rosa - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 1

  • 2000 - 2002

    Novas Ruralidades no Desenvolvimento Agrícola do Triângulo Mineiro [Projeto PIBIC/CNPq], Descrição: Objetivo Geral O objetivo geral da pesquisa é o de compreender as novas dimensões espaciais, econômicas, políticas e socioculturais da produção familiar através de suas múltiplas relações com o desenvolvimento rural local. Objetivos Específicos 1. Identificar a presença e importância da agricultura familiar no meio rural local, bem como os novos condicionantes da sua inserção no sistema econômico envolvendo as novas atividades, principalmente as de natureza não-agrícola; 2. Estudar as estratégias de reprodução e as diferenciações dos agricultores familiares nas suas comunidades rurais com relação ao manejo dos recursos naturais, principalmente para o problema da água; 3. Compreender as novas ruralidades, considerando a dimensão espacial/ territorial, econômica, política e sócio-cultural.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Graciely de Lima Oliveira - Integrante / Roberto Reis Alves - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa., Número de produções C, T & A: 9 / Número de orientações: 4

  • 1999 - 2001

    Sustentabilidade do Sistema Agroalimentar no Domínio dos Cerrados [Projeto CNPq 521.865/97-8], Descrição: O projeto de pesquisa foi elaborado como Projeto Integrado de Pesquisa e teve como objetivos a identificação e estudo dos problemas associados com a sustentabilidade agrícola na região dos cerrados, com pesquisas localizadas no município de Iraí de Minas. Na primeira fase, os principais subprojetos de pesquisa constituiram em estudos de natureza sócio-econômica, recursos hídricos e solos. Nesta 2a fase do projeto de pesquisa integrado, a ênfase foi dada à sustentabilidade dos pequenos produtores e especialmente os produtores familiares, ao mesmo tempo incluindo todas as categorias de produtores da população.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Integrante / Shigeo Shiki - Coordenador / Samuel do Carmo Lima - Integrante / José Flores Fernandes Filho - Integrante / Antonio Giacomini Ribeiro - Integrante / Claudete Aparecida Dallevedove Baccaro - Integrante / Henrique Dantas Neder - Integrante / Antonio César Ortega - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 16 / Número de orientações: 1

  • 1998 - 2000

    Dinâmica Agrícola e Novas Estratégias das Empresas no Cerrado: um estudo sobre o sistema de produção agroindustrial integrada na região do Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba [Projeto PIBIC 198/99 - Módulo UFU/UFG/UCG/UFMS/UCDB/ CNPq], Descrição: O Projeto de Pesquisa constituiu-se de 2 planos de trabalho, com enfoque nas cadeias de grãos-farelos-rações e carnes e de frutas e vegetais tropicais, com ênfase nas empresas Rezende Alimentos, Cargill Agrícola e Maguary. Os objetivos gerais foram: i) Revisão da literatura referente ao setor agroindustrial; ii) Estudo das origens e constituição do capital agroindustrial na região, notadamente dos segmentos selecionados; iii) Identificação das estratégias territoriais e econômicas do setor agroindustrial, as formas e fatores de concorrência entre as empresas (competitividade) e as relações das agroindústrias com o espaço geográfico; iv) Estudo das inter-relações entre o setor agroindustrial (empresas) e o produtor rural, a partir dos contratos de produção integrada presentes nos segmentos selecionados.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Sandra da Silva Oliveira - Integrante / Francilane Eulália de Souza - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa., Número de produções C, T & A: 26 / Número de orientações: 6

  • 1996 - 1997

    A Agroindústria nos Cerrados: uma avaliação das relações intersetoriais e implicações de sustentabilidade [FAPEMIG - Convênio SHA 1617/95], Descrição: O projeto de pesquisa contemplou, basicamente: 1) a revisão da literatura que se refere aos seguintes temas: - modelo de "insumo-produto" de Leontief e implicações para a noção de complexo industrial e cadeias produtivas. Relações inter-setoriais e meio ambiente; - A origem teórica do conceito de complexo industrial (Teoria do Desenvolvimento de Hirschman); - Identificação de complexos industriais e agroindustriais. Estudo das diversas propostas metodológicas; - identificação de setores-chave e análise de impacto econômico e ecológico na estrutura produtiva regional; - A visão do Sistema Agroindustrial de Alimentos (SAA); - Análise do Multiplicador. Efeitos de Emprego; - Os conceitos de apropriacionismo e substitucionismo; 2) Identificação e mapeamento das principais cadeias agroindustriais e outros setores de produção e de transformação de bens primários na região do Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba; 3) Quantificação dos fluxos de produção e de utilização de insumos buscando avaliar a dimensão dos impactos dessas atividades sobre a renda e o emprego da região; 4) Estudo das origens e constituição do capital agroindustrial na região; 5) Estudar as estratégias competitivas, as formas e fatores de concorrência e as relações das agroindústrias com o setor agropecuário.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Henrique Dantas Neder - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 2

  • 1995 - 1997

    Uma Avaliação das Relações Intersetoriais e Implicações de Sustentabilidade da Agroindústria nos Cerrados [CNPq - Processo 521.865/95-6], Descrição: O projeto de pesquisa contemplou, basicamente: 1) a revisão da literatura que se refere aos seguintes temas: - modelo de "insumo-produto" de Leontief e implicações para a noção de complexo industrial e cadeias produtivas. Relações inter-setoriais e meio ambiente; - A origem teórica do conceito de complexo industrial (Teoria do Desenvolvimento de Hirschman); - Identificação de complexos industriais e agroindustriais. Estudo das diversas propostas metodológicas; - identificação de setores-chave e análise de impacto econômico e ecológico na estrutura produtiva regional; - A visão do Sistema Agroindustrial de Alimentos (SAA); - Análise do Multiplicador. Efeitos de Emprego; - Os conceitos de apropriacionismo e substitucionismo; 2) Identificação e mapeamento das principais cadeias agroindustriais e outros setores de produção e de transformação de bens primários na região do Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba; 3) Quantificação dos fluxos de produção e de utilização de insumos buscando avaliar a dimensão dos impactos dessas atividades sobre a renda e o emprego da região; 4) Estudo das origens e constituição do capital agroindustrial na região; 5) Estudar as estratégias competitivas, as formas e fatores de concorrência e as relações das agroindústrias com o setor agropecuário.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Shigeo Shiki - Integrante / Samuel do Carmo Lima - Integrante / José Flores Fernandes Filho - Integrante / Antonio Giacomini Ribeiro - Integrante / Claudete Aparecida Dallevedove Baccaro - Integrante / Henrique Dantas Neder - Integrante / Antonio César Ortega - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 7 / Número de orientações: 1

  • 1995 - 1997

    Desenvolvimento de Metodologias para Definição, Monitoramento e Avaliação de Indicadores de Sustentabilidade de Agroecossistemas: microbacias Pantaninho e Divisa, em Iraí de Minas (MG) - [Convênio EMBRAPA/CEPES-UFU/CNPq], Descrição: Neste projeto, houve um esforço da equipe dos subprojetos de pesquisa para o maior conhecimento dos impactos provocados pela agricultura na região dos cerrados, com ênfase no município de Iraí de Minas, Triângulo Mineiro/ Alto Paranaíba. Os subprojetos buscaram desenvolver metodologias para subsidiar o planejamento e monitoramento de projetos presentes e futuros relacionados com a agropecuária regional. Os principais subprojetos de pesquisa constituiram em estudos de natureza sócio-econômica, recursos hídricos e solos.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Integrante / Shigeo Shiki - Coordenador / Samuel do Carmo Lima - Integrante / José Flores Fernandes Filho - Integrante / Antonio Giacomini Ribeiro - Integrante / Claudete Aparecida Dallevedove Baccaro - Integrante / Henrique Dantas Neder - Integrante / Antonio César Ortega - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 6 / Número de orientações: 2

  • 1994 - 1996

    Política Rural e Pequena Produção Familiar em Uberlândia, Triângulo Mineiro [Projeto PIBIC - CNPq/UFU - Processo 154/95], Descrição: O projeto de pesquisa procurou estudar o papel da pequena produção familiar no quadro das transformações tecnoeconômicas e sociais provocadas pela expansão do complexo agroindustrial e as políticas públicas voltadas para a agricultura nos cerrados, particulrmente no município de Uberlândia, Triângulo Mineiro.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Ada Borges Custódio - Integrante / Vanderlei Mendes de Oliveira - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa., Número de produções C, T & A: 17 / Número de orientações: 4

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de desenvolvimento

  • 2013 - 2014

    As práticas de Gestão dos Recursos Hídricos em Projetos de assentamentos Rurais no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba: alternativas para a inovação de técnicas ambientalmente sustentáveis e economicamente viáveis, Descrição: A pesquisa, realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Raquel do Nascimento Neder - Integrante / Cesar Augusto de Castro Brito - Integrante / Alison Nascimento Teixeira - Integrante.

  • 2012 - 2013

    Inovações Tecnológicas e Práticas de Gestão da Água na Agricultura em Projetos de Reforma Agrária no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba, Descrição: A pesquisa, realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Jéssica Cristina Garcia - Integrante / Raquel do Nascimento Neder - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2011 - 2012

    Práticas de Gestão da Água e Inovações Tecnológicas na Agricultura em Projetos de Reforma Agrária no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba, Descrição: A presente proposta de pesquisa, a ser realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Jéssica Cristina Garcia - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2013 - 2014

    As práticas de Gestão dos Recursos Hídricos em Projetos de assentamentos Rurais no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba: alternativas para a inovação de técnicas ambientalmente sustentáveis e economicamente viáveis, Descrição: A pesquisa, realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Raquel do Nascimento Neder - Integrante / Cesar Augusto de Castro Brito - Integrante / Alison Nascimento Teixeira - Integrante.

  • 2012 - 2013

    Inovações Tecnológicas e Práticas de Gestão da Água na Agricultura em Projetos de Reforma Agrária no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba, Descrição: A pesquisa, realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Jéssica Cristina Garcia - Integrante / Raquel do Nascimento Neder - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2011 - 2012

    Práticas de Gestão da Água e Inovações Tecnológicas na Agricultura em Projetos de Reforma Agrária no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba, Descrição: A presente proposta de pesquisa, a ser realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Jéssica Cristina Garcia - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2013 - 2014

    As práticas de Gestão dos Recursos Hídricos em Projetos de assentamentos Rurais no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba: alternativas para a inovação de técnicas ambientalmente sustentáveis e economicamente viáveis, Descrição: A pesquisa, realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Raquel do Nascimento Neder - Integrante / Cesar Augusto de Castro Brito - Integrante / Alison Nascimento Teixeira - Integrante.

  • 2012 - 2013

    Inovações Tecnológicas e Práticas de Gestão da Água na Agricultura em Projetos de Reforma Agrária no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba, Descrição: A pesquisa, realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Jéssica Cristina Garcia - Integrante / Raquel do Nascimento Neder - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2011 - 2012

    Práticas de Gestão da Água e Inovações Tecnológicas na Agricultura em Projetos de Reforma Agrária no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba, Descrição: A presente proposta de pesquisa, a ser realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Jéssica Cristina Garcia - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2013 - 2014

    As práticas de Gestão dos Recursos Hídricos em Projetos de assentamentos Rurais no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba: alternativas para a inovação de técnicas ambientalmente sustentáveis e economicamente viáveis, Descrição: A pesquisa, realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Raquel do Nascimento Neder - Integrante / Cesar Augusto de Castro Brito - Integrante / Alison Nascimento Teixeira - Integrante.

  • 2012 - 2013

    Inovações Tecnológicas e Práticas de Gestão da Água na Agricultura em Projetos de Reforma Agrária no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba, Descrição: A pesquisa, realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Jéssica Cristina Garcia - Integrante / Raquel do Nascimento Neder - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2011 - 2012

    Práticas de Gestão da Água e Inovações Tecnológicas na Agricultura em Projetos de Reforma Agrária no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba, Descrição: A presente proposta de pesquisa, a ser realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Jéssica Cristina Garcia - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2013 - 2014

    As práticas de Gestão dos Recursos Hídricos em Projetos de assentamentos Rurais no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba: alternativas para a inovação de técnicas ambientalmente sustentáveis e economicamente viáveis, Descrição: A pesquisa, realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Raquel do Nascimento Neder - Integrante / Cesar Augusto de Castro Brito - Integrante / Alison Nascimento Teixeira - Integrante.

  • 2012 - 2013

    Inovações Tecnológicas e Práticas de Gestão da Água na Agricultura em Projetos de Reforma Agrária no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba, Descrição: A pesquisa, realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Jéssica Cristina Garcia - Integrante / Raquel do Nascimento Neder - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2011 - 2012

    Práticas de Gestão da Água e Inovações Tecnológicas na Agricultura em Projetos de Reforma Agrária no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba, Descrição: A presente proposta de pesquisa, a ser realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Jéssica Cristina Garcia - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2013 - 2014

    As práticas de Gestão dos Recursos Hídricos em Projetos de assentamentos Rurais no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba: alternativas para a inovação de técnicas ambientalmente sustentáveis e economicamente viáveis, Descrição: A pesquisa, realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Raquel do Nascimento Neder - Integrante / Cesar Augusto de Castro Brito - Integrante / Alison Nascimento Teixeira - Integrante.

  • 2012 - 2013

    Inovações Tecnológicas e Práticas de Gestão da Água na Agricultura em Projetos de Reforma Agrária no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba, Descrição: A pesquisa, realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Jéssica Cristina Garcia - Integrante / Raquel do Nascimento Neder - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2011 - 2012

    Práticas de Gestão da Água e Inovações Tecnológicas na Agricultura em Projetos de Reforma Agrária no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba, Descrição: A presente proposta de pesquisa, a ser realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Jéssica Cristina Garcia - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2013 - 2014

    As práticas de Gestão dos Recursos Hídricos em Projetos de assentamentos Rurais no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba: alternativas para a inovação de técnicas ambientalmente sustentáveis e economicamente viáveis, Descrição: A pesquisa, realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Raquel do Nascimento Neder - Integrante / Cesar Augusto de Castro Brito - Integrante / Alison Nascimento Teixeira - Integrante.

  • 2012 - 2013

    Inovações Tecnológicas e Práticas de Gestão da Água na Agricultura em Projetos de Reforma Agrária no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba, Descrição: A pesquisa, realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Jéssica Cristina Garcia - Integrante / Raquel do Nascimento Neder - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2011 - 2012

    Práticas de Gestão da Água e Inovações Tecnológicas na Agricultura em Projetos de Reforma Agrária no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba, Descrição: A presente proposta de pesquisa, a ser realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Jéssica Cristina Garcia - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2013 - 2014

    As práticas de Gestão dos Recursos Hídricos em Projetos de assentamentos Rurais no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba: alternativas para a inovação de técnicas ambientalmente sustentáveis e economicamente viáveis, Descrição: A pesquisa, realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Raquel do Nascimento Neder - Integrante / Cesar Augusto de Castro Brito - Integrante / Alison Nascimento Teixeira - Integrante.

  • 2012 - 2013

    Inovações Tecnológicas e Práticas de Gestão da Água na Agricultura em Projetos de Reforma Agrária no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba, Descrição: A pesquisa, realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Jéssica Cristina Garcia - Integrante / Raquel do Nascimento Neder - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2011 - 2012

    Práticas de Gestão da Água e Inovações Tecnológicas na Agricultura em Projetos de Reforma Agrária no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba, Descrição: A presente proposta de pesquisa, a ser realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Jéssica Cristina Garcia - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2013 - 2014

    As práticas de Gestão dos Recursos Hídricos em Projetos de assentamentos Rurais no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba: alternativas para a inovação de técnicas ambientalmente sustentáveis e economicamente viáveis, Descrição: A pesquisa, realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Raquel do Nascimento Neder - Integrante / Cesar Augusto de Castro Brito - Integrante / Alison Nascimento Teixeira - Integrante.

  • 2012 - 2013

    Inovações Tecnológicas e Práticas de Gestão da Água na Agricultura em Projetos de Reforma Agrária no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba, Descrição: A pesquisa, realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Jéssica Cristina Garcia - Integrante / Raquel do Nascimento Neder - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2011 - 2012

    Práticas de Gestão da Água e Inovações Tecnológicas na Agricultura em Projetos de Reforma Agrária no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba, Descrição: A presente proposta de pesquisa, a ser realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Jéssica Cristina Garcia - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2013 - 2014

    As práticas de Gestão dos Recursos Hídricos em Projetos de assentamentos Rurais no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba: alternativas para a inovação de técnicas ambientalmente sustentáveis e economicamente viáveis, Descrição: A pesquisa, realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Raquel do Nascimento Neder - Integrante / Cesar Augusto de Castro Brito - Integrante / Alison Nascimento Teixeira - Integrante.

  • 2012 - 2013

    Inovações Tecnológicas e Práticas de Gestão da Água na Agricultura em Projetos de Reforma Agrária no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba, Descrição: A pesquisa, realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Jéssica Cristina Garcia - Integrante / Raquel do Nascimento Neder - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2011 - 2012

    Práticas de Gestão da Água e Inovações Tecnológicas na Agricultura em Projetos de Reforma Agrária no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba, Descrição: A presente proposta de pesquisa, a ser realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Jéssica Cristina Garcia - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2013 - 2014

    As práticas de Gestão dos Recursos Hídricos em Projetos de assentamentos Rurais no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba: alternativas para a inovação de técnicas ambientalmente sustentáveis e economicamente viáveis, Descrição: A pesquisa, realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Raquel do Nascimento Neder - Integrante / Cesar Augusto de Castro Brito - Integrante / Alison Nascimento Teixeira - Integrante.

  • 2012 - 2013

    Inovações Tecnológicas e Práticas de Gestão da Água na Agricultura em Projetos de Reforma Agrária no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba, Descrição: A pesquisa, realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Jéssica Cristina Garcia - Integrante / Raquel do Nascimento Neder - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2011 - 2012

    Práticas de Gestão da Água e Inovações Tecnológicas na Agricultura em Projetos de Reforma Agrária no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba, Descrição: A presente proposta de pesquisa, a ser realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Jéssica Cristina Garcia - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2013 - 2014

    As práticas de Gestão dos Recursos Hídricos em Projetos de assentamentos Rurais no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba: alternativas para a inovação de técnicas ambientalmente sustentáveis e economicamente viáveis, Descrição: A pesquisa, realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Raquel do Nascimento Neder - Integrante / Cesar Augusto de Castro Brito - Integrante / Alison Nascimento Teixeira - Integrante.

  • 2012 - 2013

    Inovações Tecnológicas e Práticas de Gestão da Água na Agricultura em Projetos de Reforma Agrária no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba, Descrição: A pesquisa, realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Jéssica Cristina Garcia - Integrante / Raquel do Nascimento Neder - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2011 - 2012

    Práticas de Gestão da Água e Inovações Tecnológicas na Agricultura em Projetos de Reforma Agrária no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba, Descrição: A presente proposta de pesquisa, a ser realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Jéssica Cristina Garcia - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2013 - 2014

    As práticas de Gestão dos Recursos Hídricos em Projetos de assentamentos Rurais no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba: alternativas para a inovação de técnicas ambientalmente sustentáveis e economicamente viáveis, Descrição: A pesquisa, realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Raquel do Nascimento Neder - Integrante / Cesar Augusto de Castro Brito - Integrante / Alison Nascimento Teixeira - Integrante.

  • 2012 - 2013

    Inovações Tecnológicas e Práticas de Gestão da Água na Agricultura em Projetos de Reforma Agrária no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba, Descrição: A pesquisa, realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Jéssica Cristina Garcia - Integrante / Raquel do Nascimento Neder - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2011 - 2012

    Práticas de Gestão da Água e Inovações Tecnológicas na Agricultura em Projetos de Reforma Agrária no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba, Descrição: A presente proposta de pesquisa, a ser realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Jéssica Cristina Garcia - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2013 - 2014

    As práticas de Gestão dos Recursos Hídricos em Projetos de assentamentos Rurais no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba: alternativas para a inovação de técnicas ambientalmente sustentáveis e economicamente viáveis, Descrição: A pesquisa, realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Raquel do Nascimento Neder - Integrante / Cesar Augusto de Castro Brito - Integrante / Alison Nascimento Teixeira - Integrante.

  • 2012 - 2013

    Inovações Tecnológicas e Práticas de Gestão da Água na Agricultura em Projetos de Reforma Agrária no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba, Descrição: A pesquisa, realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Jéssica Cristina Garcia - Integrante / Raquel do Nascimento Neder - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2011 - 2012

    Práticas de Gestão da Água e Inovações Tecnológicas na Agricultura em Projetos de Reforma Agrária no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba, Descrição: A presente proposta de pesquisa, a ser realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Jéssica Cristina Garcia - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2013 - 2014

    As práticas de Gestão dos Recursos Hídricos em Projetos de assentamentos Rurais no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba: alternativas para a inovação de técnicas ambientalmente sustentáveis e economicamente viáveis, Descrição: A pesquisa, realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Raquel do Nascimento Neder - Integrante / Cesar Augusto de Castro Brito - Integrante / Alison Nascimento Teixeira - Integrante.

  • 2012 - 2013

    Inovações Tecnológicas e Práticas de Gestão da Água na Agricultura em Projetos de Reforma Agrária no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba, Descrição: A pesquisa, realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Jéssica Cristina Garcia - Integrante / Raquel do Nascimento Neder - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2011 - 2012

    Práticas de Gestão da Água e Inovações Tecnológicas na Agricultura em Projetos de Reforma Agrária no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba, Descrição: A presente proposta de pesquisa, a ser realizada em Projetos de Assentamento rural (PAs) localizados em Uberlândia/MG e Triângulo Mineiro, tem como objetivo conhecer e entender como as comunidades rurais estabelecem e gerem acordos de regulação e controle de utilização dos recursos hídricos. Busca-se, ainda, identificar quais são as regras internas construídas, quais são as formas coletivas de gestão, seja ela formal ou informal e compreender como classificam e utilizam a água à luz da legislação específica, identificando ainda quais são as origens e os efeitos dos problemas em torno desse recurso nessas comunidades rurais. Entende-se que a questão da água é essencial nas comunidades e a partir dos usos e apropriações desiguais e que o mal uso estabelecem-se os conflitos. Além disso, o enfoque sobre a questão da água se insere na concepção mais ampla de meio ambiente a qual compreende um conjunto de sistemas naturais e sociais em que vivem os homens e os organismos e de onde obtém a sua subsistência. A opção pela seleção de comunidades de agricultores beneficiados pelos projetos de reforma agrária justifica pela identificação e carência de ações públicas que mobilizem e orientem os pequenos produtores para o problema da água. Numa região de agricultura altamente modernizada e de forte ação do agronegócio, em geral os estudos acabam privilegiando ações e resolução dos conflitos entre os grandes capitais (irrigantes) e em específico no âmbito da agricultura empresarial. Assim, a pesquisa visa sistematizar os dados sobre as condições socioambientais dos PAs selecionados e estabelecer uma relação que dê subsídios para a formulação de políticas públicas e melhor utilização nas comunidades de agricultores.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Joao Cleps Junior - Coordenador / Jéssica Cristina Garcia - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Prêmios

2015

Prêmio Maurício de Almeida Abreu - Menção Honrosa para Orientação de Dissertação de Mestrado, ANPEGE - Associação Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação em Geografia.

2013

Terceiro lugar das melhores monografias defendida em 2011: Expansão canavieira e impactos sócio-espaciais da produção de agrocombustível no Triângulo Mineiro (1980-2011) de Natália Lorena Campos, Universidade Federal de Uberlândia.

2010

Prêmio Destaque PIBIC-UFU 2010, Universidade Federal de Uberlândia - Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação/ Diretoria de Pesquisa.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Universidade Federal de Uberlândia, Instituto de Geografia. , Av. João Naves de Ávila, 2160, Santa Mônica, 38400902 - Uberlândia, MG - Brasil - Caixa-postal: 957, Telefone: (34) 32394169, Ramal: 15, Fax: (34) 32394210, URL da Homepage:

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2015 - Atual

    Universidade Federal do Triângulo Mineiro

    Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Membro de Equipe de Projeto de Pesquisa

    Outras informações:
    Membro de Projeto de Pesquisa e Extensão, coordenado por Janaína Francisca Vinha.

  • 2013 - 2014

    Universidade Federal de Minas Gerais

    Vínculo: Professor Convidado, Enquadramento Funcional: Professor Colaborador

    Outras informações:
    Docente do Curso de Especialização em Educação do Campo Programa de Ensino, Extensão e Pesquisa em Educação e Sustentabilidade Disciplina ministrada: História da Reforma Agrária no Brasil Carga-horária: 45h/a ? Crédito: 03 Data das aulas: 21/09 8h/a ; 30/09 08h/a ; 01/10 8h/a ;02/10 6h/a TE: 30h/a TS: 15

  • 2016 - Atual

    Universidade Federal de Goiás

    Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Membro de Comitê Institucional

    Outras informações:
    Membro de Comitê de Iniciação Científica - PIBIC - UFG/Goiânia.

  • 2013 - Atual

    Universidade Federal de Goiás

    Vínculo: Orientação de Pós-Graduação, Enquadramento Funcional: Professor Permanente

    Outras informações:
    Universidade Federal de Goiás - Campus Catalão PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM GEOGRAFIA Credenciamento em 27/02/2013.

  • 1991 - Atual

    Universidade Federal de Uberlândia

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor titular, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Classe de Professor Titular a partir de 01/06/2014.

    Atividades

    • 03/2020

      Direção e administração, Laboratório de Geografia Agrária, .,Cargo ou função, Coordenação.

    • 03/2019

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Reitoria, .,Cargo ou função, Membro de Conselho Editorial da Editora da Universidade Federal de Uberlândia - EDUFU.

    • 03/2019

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Reitoria, .,Cargo ou função, Membro do Conselho Editorial da Editora da Universidade Federal de Uberlândia (EDUFU)).

    • 06/2014

      Serviços técnicos especializados , Reitoria, .,Serviço realizado, Comissão Executiva do Acordo de Cooperação Técnica, Científica e Intercâmbio Cultural INCRA - PMU - UFU; Membro de.

    • 08/2006

      Outras atividades técnico-científicas , Laboratório de Geografia Agrária, Laboratório de Geografia Agrária.,Atividade realizada, Líder de Grupo de Pesquisa (CNPq): Núcleo de Estudos Agrários e Territoriais - NEAT.

    • 08/2004

      Extensão universitária , Laboratório de Geografia Agrária, .,Atividade de extensão realizada, PROJETO DATALUTA - BANCO DE DADOS DA LUTA PELA TERRA EM MINAS GERAIS.

    • 12/1998

      Ensino, Geografia, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, Agricultura, Agroindústria e Globalização dos Mercados, Espaço Rural, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável

    • 02/1997

      Serviços técnicos especializados , Laboratório de Geografia Agrária, .,Serviço realizado, Coordenação de Laboratório.

    • 01/1997

      Direção e administração, Instituto de Geografia, .,Cargo ou função, Coordenador de Laboratório de Pesquisa - LAGEA.

    • 11/1991

      Pesquisa e desenvolvimento , Instituto de Geografia, .,Linhas de pesquisa

    • 11/1991

      Ensino, Geografia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Geografia Econômica: 2007, 2006, 2005, Geografia Rural: 2007, 2006, 2005, Orientação de Pesquisa em Geografia, Trabalho Final de Graduação: 2007, Gestão do Espaço Rural

    • 06/2015 - 06/2017

      Direção e administração, Instituto de Geografia, .,Cargo ou função, Coordenador de Programa de Pós-Graduação - Mestrado e Doutorado Acadêmico.

    • 02/2006 - 08/2006

      Serviços técnicos especializados , Instituto de Geografia, .,Serviço realizado, Membro do Conselho Estadual de Política Ambiental - COPAM/ Minas Gerais.

    • 10/2004 - 03/2006

      Direção e administração, Instituto de Geografia, .,Cargo ou função, Membro de Conselho Superior de Pesquisa e Pós-Graduação.

    • 10/2004 - 03/2006

      Direção e administração, Instituto de Geografia, Instituto de Geografia.,Cargo ou função, Coordenador de Programa de Pós-Graduação em Geografia.

    • 10/2004 - 03/2006

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto de Geografia, .,Cargo ou função, Membro de Conselho de Pesquisa e Pós-Graduação.

    • 06/2001 - 06/2003

      Direção e administração, Instituto de Geografia, .,Cargo ou função, Coordenador de Cursos de Graduação.

    • 06/2001 - 06/2003

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto de Geografia, .,Cargo ou função, Membro de Conselho de Unidade.

    • 06/2001 - 06/2003

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto de Geografia, .,Cargo ou função, Membro de Conselho de Graduação.

    • 06/2001 - 06/2002

      Extensão universitária , Instituto de Geografia, .,Atividade de extensão realizada, Membro Titular de Conselho e Consultoria em Empresa-Junior.

    • 06/1999 - 06/2001

      Direção e administração, Faculdade de Artes, Filosofia e Ciências Sociais, Instituto de Geografia.,Cargo ou função, Membro de colegiado superior - Graduação em Geografia.

    • 06/1999 - 06/2001

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Faculdade de Artes, Filosofia e Ciências Sociais, Instituto de Geografia.,Cargo ou função, Membro de Colegiado de Curso de Graduação.

    • 03/2000 - 12/2000

      Treinamentos ministrados , Faculdade de Artes, Filosofia e Ciências Sociais, Instituto de Economia.,Treinamentos ministrados, Capacitação de Conselheiros - Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural/ PRONAF [Convênio PNUD BRA 98/012]

    • 07/1998 - 12/2000

      Direção e administração, Instituto de Geografia, .,Cargo ou função, Outro - Membro de Diretoria de Associação Científica.

    • 11/1997 - 03/2000

      Direção e administração, Instituto de Geografia, .,Cargo ou função, Membro de colegiado superior - Mestrado em Geografia.

    • 03/1999 - 12/1999

      Ensino, Ciências Sociais, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Geografia Humana e Econômica

    • 07/1998 - 06/1999

      Direção e administração, Faculdade de Artes, Filosofia e Ciências Sociais, Instituto de Geografia.,Cargo ou função, Vice-chefe de Departamento.

    • 03/1997 - 03/1999

      Direção e administração, Faculdade de Artes, Filosofia e Ciências Sociais, Departamento de Ciências Sociais.,Cargo ou função, Membro de colegiado superior - Graduação em C. Sociais.

    • 11/1991 - 12/1998

      Ensino, Ciências Contábeis, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Geografia Econômica

  • 1989 - 1992

    Universidade Estadual de Maringá

    Vínculo: Servidor público ou celetista, Enquadramento Funcional: Professor Assistente, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Atividades

    • 03/1989 - 03/1992

      Ensino, Geografia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Geografia Econômica, Geografia Agrária, Geografia Regional do Brasil, Cartografia

    • 06/1991 - 12/1991

      Direção e administração, Centro de Ciências Humanas Letras e Artes, Departamento de Geografia.,Cargo ou função, Coordenador de Curso.

    • 05/1991 - 12/1991

      Direção e administração, Centro de Ciências Humanas Letras e Artes, Departamento de Geografia.,Cargo ou função, Outro - Vice-Chefe de Departamento.

    • 01/1991 - 12/1991

      Serviços técnicos especializados , Centro de Ciências Humanas Letras e Artes, Departamento de Geografia.,Serviço realizado, Membro de Comissão Permanente de Vestibular.

    • 01/1990 - 06/1991

      Direção e administração, Centro de Ciências Humanas Letras e Artes, Departamento de Geografia.,Cargo ou função, Membro de comissão permanente.

    • 08/1989 - 03/1990

      Direção e administração, Centro de Ciências Humanas Letras e Artes, Departamento de Geografia.,Cargo ou função, Membro de colegiado superior.

  • 2006 - Atual

    Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho

    Vínculo: Membro de Grupo de Pesquisa, Enquadramento Funcional: Sem vínculo funcional

    Outras informações:
    Membro do Grupo de Pesquisa: Núcleo de Estudos, Pesquisas e Projetos de Reforma Agrária - NERA

    Atividades

    • 06/2006

      Pesquisa e desenvolvimento , Faculdade de Ciências e Tecnologia de Presidente Prudente, .,Linhas de pesquisa

    • 08/2005

      Extensão universitária , Faculdade de Ciências e Tecnologia de Presidente Prudente, .,Atividade de extensão realizada, PROJETO DATALUTA - Banco de Dados da Luta pela Terra.

  • 2012 - 2015

    Universidade Federal de Sergipe

    Vínculo: Membro de Equipe de Pesquisa, Enquadramento Funcional: Colaborador

    Outras informações:
    Participação no Projeto CAPES/FAPITEC. Disciplina "Estrutura Agrária" - Carga Horária 20h/a Ministrada em conjunto com Eraldo da Silva Ramos Filho (UFS) Período: 2o semestre de 2014

  • 2009 - Atual

    Universidade Estadual do Oeste do Paraná

    Vínculo: Membro de Grupo de Pesquisa, Enquadramento Funcional: Pesquisador

    Outras informações:
    Membro de Grupo de Pesquisa: GEOLUTAS, liderado pelo Prof. Dr. João Edmilson Fabrini.