Andreia Estela Moreira de Souza

Possui graduação em Ciências Biológicas pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (1998), graduação em Biologia - Claretiano Centro Universitário (2017), mestrado em Ciência Biológica AC.: Genética pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (2001) e doutorado em Ciencias Biologicas (Genetica) pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (2004). Atualmente é pesquisa e extensão - Faculdades Integradas de Santa Fé do Sul, coordenador do projeto pibid/capes ciências do CENTRO UNIVERSITARIO DE SANTA FE DO SUL, membro do comitê científico da revista funec do CENTRO UNIVERSITARIO DE SANTA FE DO SUL, membro do comitê de ética em pesquisa do CENTRO UNIVERSITARIO DE SANTA FE DO SUL, parecerista do CENTRO UNIVERSITARIO DE SANTA FE DO SUL, professor titular i do CENTRO UNIVERSITARIO DE SANTA FE DO SUL e orientador de iniciação científica do CENTRO UNIVERSITARIO DE SANTA FE DO SUL. Tem experiência na área de Genética, com ênfase em Genética Molecular e de Microorganismos, atuando principalmente nos seguintes temas: genética, ciências biológicas, sbmv, florística e botânica.

Informações coletadas do Lattes em 01/07/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em Ciencias Biologicas (Genetica)

2001 - 2004

Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho
Título: Detecção e Caracterização Molecular do Grapevine virus A e Grapevine virus B em Videiras no Estado de São Paulo
José Osmar Gaspar. Palavras-chave: GVB; GVA; Grapevine Corky Bark; Kober stem grooving; VItivirus; sequenciamento. Grande área: Ciências BiológicasGrande Área: Ciências Biológicas / Área: Genética / Subárea: Genética Molecular e de Microorganismos. Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Microbiologia. Setores de atividade: Produção Vegetal; Qualidade e Produtividade; Produtos e Processos Biotecnológicos Vinculados À Agricultura.

Mestrado em Ciência Biológica AC.: Genética

1999 - 2001

Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho
Título: CARACTERIZAÇÃO MOLECULAR PARCIAL E LOCALIZAÇÃO SUBCELULAR DE UM ISOLADO BRASILEIRO DO VÍRUS DO MOSAICO DO FEIJOEIRO DO SUL DOS E.U.A.,Ano de Obtenção: 2001
JOSÉ OSMAR GASPAR.Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Palavras-chave: FITOVÍRUS; Sobemovirus; Purificação viral; Partícula viral; RNA subgenômico.Grande área: Ciências BiológicasGrande Área: Ciências Biológicas / Área: Genética / Subárea: Genética Molecular e de Microorganismos. Setores de atividade: Pesquisa e desenvolvimento científico.

Graduação em Biologia

2016 - 2017

Claretiano Centro Universitário, Claretiano/BAT

Graduação em Ciências Biológicas

1995 - 1998

Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Bandeira representando o idioma Inglês

Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Bem.

Bandeira representando o idioma Espanhol

Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Genética / Subárea: Genética Molecular e de Microorganismos.

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Microbiologia.

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Genética.

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Botânica / Subárea: Fitopatologia.

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Botânica.

Grande área: Ciências Humanas / Área: Educação / Subárea: Tópicos Específicos de Educação/Especialidade: Educação de Adultos.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

SOUZA, A.E.M ; Corrêa, S.A. ; SUPPO, GEÓRGEA . V Fórum do PIBID. 2017. (Outro).

SOUZA, ANDREIA ESTELA MOREIRA ; Corrêa, S.A. ; GIMENEZ, E. A. . IX Semana Acadêmica do Curso de Ciências Biológicas da FUNEC. 2016. (Congresso).

SOUZA, ANDREIA ESTELA MOREIRA . IV Fórum do PIBID- FUNEC. 2016. (Outro).

SOUZA, A.E.M . VIII SEMANA ACADÊMICA DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS. 2015. (Outro).

Corrêa, S.A. ; SUPPO, GEÓRGEA ; SOUZA, A.E.M ; LALLO, M. C. . III FÓRUM INSTITUCIONAL DO PIBID/FUNEC. 2015. (Outro).

Corrêa, S.A. ; SOUZA, A.E.M ; SUPPO, GEÓRGEA ; LALLO, M. C. . II FÓRUM INSTITUCIONAL DO PIBID/FUNEC. 2014. (Outro).

SOUZA, A.E.M . VII SEMANA ACADÊMICA DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS. 2014. (Outro).

SOUZA, A.E.M ; Corrêa, S.A. . VI SEMANA ACADÊMICA DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E GESTÃO AMBIENTAL. 2013. (Outro).

SOUZA, A.E.M ; SUPPO, GEÓRGEA ; LALLO, M. C. . IV JORNADA PÉDAGÓGICA DOM INSTITUTO SUPERIOR DE EDUCAÇÃO DA FUNEC. 2012. (Outro).

SOUZA, A.E.M ; Corrêa, S.A. . V SEMANA ACADÊMICA DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E GESTÃO AMBIENTAL. 2012. (Outro).

MOREIRA, A. E. ; SUPPO, GEÓRGEA . III Jornada Pedagógica do Instituto Superior de Educação da FUNEC. 2011. (Congresso).

MAZOTE, M. C. G. ; SOUZA, A.E.M . 2º FÓRUM DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA FUNEC. 2011. (Outro).

SOUZA, A.E.M ; Corrêa, S.A. . IV SEMANA ACADÊMICA DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E GESTÃO AMBIENTAL. 2011. (Outro).

SUPPO, GEÓRGEA ; MOREIRA, A. E. ; BONFIM, T. A. ; LALLO, M. C. . II Jornada Pedagógica do ISE. 2010. (Outro).

MOREIRA, A. E. . I Fórum de Iniciação científica da FUNEC. 2010. (Congresso).

MOREIRA, A. E. ; BONFIM, T. A. ; SUPPO, GEÓRGEA . I JORNADA PEDAGÓGICA DO ISE. 2009. (Outro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

8 Fórum de Iniciação Científica da FUNEC. ANÁLISE DA DIVERSIDADE ARBÓREA URBANA: UMA ESTRATÉGIA DE ENSINO EM EDUCAÇÃO AMBIENTAL. 2017. (Congresso).

8 Fórum de Iniciação Científica da FUNEC. ANÁLISE DA DIVERSIDADE ARBÓREA URBANA: UMA ESTRATÉGIA DE ENSINO EM EDUCAÇÃO AMBIENTAL. 2017. (Congresso).

7 Fórum de Iniciação Científica da FUNEC.TRABALHANDO BIOTECNOLOGIA EM SALA DE AULA: APLICAÇÃO DE METODOLOGIA DE ENSINO EM ORGANISMOS TRANSGÊNICOS PELO PIBID/CIÊNCIAS FUNEC1. 2016. (Simpósio).

7 Fórum de Iniciação Científica da FUNEC.A importância da ética em pesquisa e o papel desempenhado pelo Comitê de Ética em Pesquisa. 2016. (Simpósio).

6 FÓRUM CIENTÍFICO DA FUNEC. LEVANTAMENTO E CARACTERIZAÇÃO GENÉTICA DOS ESPECTROS AUTISTAS EM CRIANÇAS E ADOLESCENTES DO MUNICÍPIO DE SANTA FÉ DO SUL. 2015. (Congresso).

5 FÓRUM DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA FUNEC. ANÁLISE MICROBIOLÓGICA E DESCONTAMINAÇÃO DE ESCOVAS DENTAIS UTILIZADAS POR CRIANÇAS EM UMA CRECHE DE SANTA FÉ DO SUL. 2014. (Congresso).

4 FÓRUM DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA FUNEC. PREPARO DE LÂMINAS PERMANENTES PARA ENSINO DE HISTOLOGIA ANIMAL E VEGETAL SEM A UTILIZAÇÃO DE MICROTOMIA. 2013. (Congresso).

3 FÓRUM DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA FUNEC. ANÁLISE MICROBIOLÓGICA DA ÁGUA DE MINAS E POÇOS SEMIARTESIANOS DE SANTA FÉ DO SUL, SP. 2012. (Congresso).

2 Fórum de iniciação Científica da FUNEC: Educação Tecnologia e Sustentabilidade.Levantamento florístico de um fragamento Florestal pertencente ao Parque das Águas Claras, Santa Fé do Sul/SP. 2011. (Simpósio).

ENCONTRO DE PESQUISA E ÉTICA EM EXPERIMENTAÇÃO ANIMALIMA. 2011. (Encontro).

1 FÓRUM DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA FUNEC. LEVANTAMENTO FLORÍSTICO DA ÁREA URBANA DE SANTA FÉ DO SUL: PRAÇAS E BAIRROS BELA VISTA E SANTA CRUZ. 2010. (Congresso).

XV Encontro Nacional de Virologia.XV Encontro Nacional de Virologia. 2004. (Encontro).

XXXVI Congresso Brasileiro de Fitopatologia. XXXVI Congresso Brasileiro de Fitopatologia. 2003. (Congresso).

V Simpósio de Genética.V Simpósio de Genética. 2002. (Simpósio).

XIII Encontro Nacional de Virologia.Encontro Nacional de Virologia. 2002. (Encontro).

2 Simpósio de Ecologia, Genética e Evolução de Drosophila. 2001. (Simpósio).

47 CONGRESSO NACIONAL DE GENÉTICA. 47 CONGRESSO NACIONAL DE GENÉTICA. 2001. (Congresso).

XXXIV CONGRESSO BRASILEIRO DE FITOPATOLOGIA E XI CONGRESSO LATINO-AMERICANO DE FITOPATOLOGIA. XXXIV CONGRESSO BRASILEIRO DE FITOPATOLOGIA E XI CONGRESSO LATINO-AMERICANO DE FITOPATOLOGIA. 2001. (Congresso).

46 CONGRESSO NACIONAL DE GENÉTICA. 46 CONGRESSO NACIONAL DE GENÉTICA. 2000. (Congresso).

IV Simpósio de Genética.IV SIMPÓSIO DE GENÉTICA. 2000. (Simpósio).

45 CONGRESSO NACIONAL DE GENÉTICA. 45 CONGRESSO NACIONAL DE GENÉTICA. 1999. (Congresso).

ENCONTRO DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE GENÉTICA - REGIONAL SÃO PAULO. 1999. (Encontro).

III SIMPÓSIO DE GENÉTICA.III SIMPÓSIO DE GENÉTICA. 1999. (Simpósio).

SIMPÓSIO SATÉLITE: PREVENÇÃO DO CÂNCER COM BASE NA GENÉTICA E EPIDEMIOLOGIA MOLECULAR. 1999. (Simpósio).

XXXI ENCONTRO REGIONAL DE HISTOTECNOLOGIA. 1999. (Encontro).

50 REUNIÃO ANUAL DA SBPC.50 REUNIÃO ANUAL DA SBPC. 1998. (Outra).

II SIMPÓSIO DE GENÉTICA.II SIMPÓSIO DE GENÉTICA. 1998. (Simpósio).

WORKSHOP: MEIO AMBIENTE E AGRICULTURA NATURAL. 1998. (Outra).

X CONGRESSO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA. X CONGRESSO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA. 1998. (Congresso).

XIV SEMANA DA BIOLOGIA. 1998. (Outra).

XXV COLÓQUIO DE INCENTIVO À PESQUISA.XXV COLÓQUIO DE INCENTIVO À PESQUISA. 1998. (Outra).

24 COLÓQUIO DE INCENTIVO À PESQUISA.24 COLÓQUIO DE INCENTIVO À PESQUISA. 1997. (Outra).

IX CONGRESSO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA. IX CONGRESSO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA. 1997. (Congresso).

JORNADA DE BIOCONSERVAÇÃO. 1997. (Outra).

SIMPÓSIO DE GENÉTICA.SIMPÓSIO DE GENÉTICA COMEMORATIVO DOS 40 ANOS DO CURSO DE CIÊNCI AS BIOLÓGICAS - IBILCE/UNESP. 1997. (Simpósio).

XIII SEMANA DA BIOLOGIA. 1997. (Outra).

XII SEMANA DA BIOLOGIA. 1996. (Outra).

XI SEMANA DA BIOLOGIA. 1995. (Outra).

XXII COLÓQUIO DE INCENTIVO À PESQUISA.XXII COLÓQUIO DE INCENTIVO À PESQUISA. 1995. (Outra).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

Aluno: Douglas Costa Martins

SANCHES, A. C.; VAZQUEZ, G. H.;SOUZA, A.E.M. Qualidade de Água de Chuva no Município de Fernandópolis/SP. 2014. Dissertação (Mestrado em Ciências Ambientais) - Universidade Brasil.

Aluno: Carmem Costa Martins

SOUZA, A.E.MCorrêa, S.A.; KOZUSNY-ANDREANI, D. I.. Isolamento e Identificação de Micro-organismos contaminantes de serviços de saúde. 2013. Dissertação (Mestrado em Ciências Ambientais) - Universidade Brasil.

Aluno: Elena Carla Batista Mendes

KOZUSNY-ANDREANI, D. I.;SOUZA, A.E.M; ANDREANI JUNIOR, R.. Eficácia dos extratos de Plantas Medicinais no controle de micro-organismos isolados de ambientes de creches. 2013. Dissertação (Mestrado em Ciências Ambientais) - Universidade Brasil.

Aluno: Lívia José Regatieri

SOUZA, A.E.MBelintani, P; ULLAH, A.; ABREGO, J. R. B.. Expressão, purificação e caracterização estrutural de proteínas codificadas por dois fitovírus. 2014. Tese (Doutorado em Biofísica Molecular) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Carmem Costa Martins

SOUZA, M.A.E.; KOZUSNY-ANDREANI, D. I.; ANDREANI JUNIOR, R.. ISOLAMENTO E IDENTIFICAÇÃO DE MICRORGANISMOS CONTAMINANTES DE RESÍDUOS DE SERVIÇO DE SAÚDE. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Ciências Ambientais) - Universidade Brasil.

Aluno: JÉSSICA CRISTINA DIAS

MARTINS, C. C.; DIAS, J. C.; MINHOLI, M. T.;SOUZA, ANDREIA ESTELA MOREIRA. GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS DE SERVIÇOS DE SAÚDE NAS ESTRATÉGIAS DO PROGRAMA SAÚDE DA FAMÍLIA DE UM MUNICÍPIO DO INTERIOR PAULISTA. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em ENFERMAGEM) - Faculdades Integradas de Santa Fé do Sul.

Aluno: Roselaine Piassali de Almeida

MOREIRA, A. E.; Romagnoli, M.J.; Cerqueira, V.. Conservação e Recuperação daMicrobacia hidrográfica do Córrego do Engano - Nova Canaã Paulista/SP. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - CENTRO UNIVERSITARIO DE SANTA FE DO SUL.

Aluno: Tamara R

MOREIRA, A. E.; Ferro, D.A.M. Machado Ribeiro.Venda e Consumo Indiscriminado de Antibióticos e a Resistência Bacteriana: Uma Questão Evolutiva. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - CENTRO UNIVERSITARIO DE SANTA FE DO SUL.

SOUZA, A.E.M; TERNERO, E. M.; ALVES, S.. Processo Seletivo Interno 0001/2010 para concessão de gratificação aos professores detentores de títulos de mestre e doutot. 2011. Faculdades Integradas de Santa Fé do Sul.

MOREIRA, A. E.Corrêa, S.A.; Souza, E.A.. Comissão Especial de Avaliação de Títulos do Processo Seletivo para contratação de docentes. 2011. Faculdades Integradas de Santa Fé do Sul.

MOREIRA, A. E.; Souza, E.A.; TERNERO, E. M.. Comissão Especial de Avaliação de Títulos do Processo Seletivo 003/2010 para provimento de cargos de professor substituto. 2010. CENTRO UNIVERSITARIO DE SANTA FE DO SUL.

SOUZA, A.E.M; MERIGUI, L. F.. PROJETO DE EXTENSÃO EM PSICOLOGIA DA SAÚDE. 2015. Faculdades Integradas de Santa Fé do Sul.

SOUZA, A.E.M. Banca de Avaliação de Trabalhos de Iniciação Científica no 6 Fórum de Iniciação Científica da FUNEC. 2015. Faculdades Integradas de Santa Fé do Sul.

SOUZA, A.E.M. Banca de Avaliação de Trabalhos de Iniciação Científica no 5 Fórum de Iniciação Científica da FUNEC. 2014. Faculdades Integradas de Santa Fé do Sul.

SOUZA, A.E.M. Banca Examinadora de Trabalhos de Iniciação Científica Apresentados no 3 Fórum de Inciação Científica da FUNEC. 2012. CENTRO UNIVERSITARIO DE SANTA FE DO SUL.

MOREIRA, A. E.Corrêa, S.A.; LIMA, M. D.; Hiroshi, G.Y.. Seleção de Membros para Comitê de Ética em Pesquisa em Seres humanos. 2011. Faculdades Integradas de Santa Fé do Sul.

SOUZA, A.E.M. Banca de Avaliação de Trabalhos de Iniciação Científica no 2 Fórum de Iniciação Científica da FUNEC. 2011. Faculdades Integradas de Santa Fé do Sul.

MOREIRA, A. E.; Romagnoli, M.J.; Cerqueira, V.. Banca de Defesa de Trabalho de Conclusão de Curso de Gestão Ambiental "Conservação e Recuperação da Microbacia Hidrográfica do Córrego do Engsno -Nova Canaã Paulista/SP". 2011. CENTRO UNIVERSITARIO DE SANTA FE DO SUL.

SOUZA, A.E.M. Banca de Avaliação de Trabalhos de Iniciação Científica NA XI JORNADA ODONTOLÓGICA DA FUNEC. 2010. Faculdades Integradas de Santa Fé do Sul.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Paula Rahal

RAHAL, P.. Detecção e CaracterizaçãoMolecular do Grapevine Virus A e Grapevine Virus B em Videiras no Estado de São Paulo. 2004 - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Maria Tercília Vilela de Azeredo Oliveira

GASPAR, José Osmar; FIGUEIRA, Antonia dos Reis; KUNIYUKI, Hugo;AZEREDO-OLIVEIRA, M.T.V.; RAHAL, P.. Detecção e caracterização molecular do grapevine Vírus A e grapevine V'rus B em videiras do Estado de São Paulo. 2004. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação Em Genética) - Instituto de Biociências, Letras e Cieências Exatas/ Câmpus de SJRP.

Maria Tercília Vilela de Azeredo Oliveira

GASPAR, José Osmar;AZEREDO-OLIVEIRA, M.T.V.; RAHAL, P.. Complexo do lenho rugoso da Videira:Características Gerais. 2004. Exame de qualificação (Doutorando em Biociências) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Orientou

Graças Aparecida Tomaz

INCIDÊNCIA E FATORES DE RISCO DA DIABETES MELLITUS EM CRIANÇAS E ADOLESCENTES NO MUNICÍPIO DE SANTA FÉ DO SUL/SP; Início: 2018; Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Faculdades Integradas de Santa Fé do Sul, PIBIC/FUNEC; (Orientador);

Gabriela de Almeida Silva

FENOLOGIA DE ESPÉCIES DA FAMÍLIA BIGNONIACEAE EM UMA ÁREA DE REFLORESTAMENTO DO CAMPUS II DA FUNEC ? SANTA FÉ DO SUL/SP; ; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Ciências Biológicas) - Faculdades Integradas de Santa Fé do Sul; Orientador: Andreia Estela Moreira de Souza;

Caroline Lopes da Silva

COMPARAÇÃO DE MATERIAIS DISTINTOS COMO FILTROS BIOLÓGICOS EM SISTEMAS AQUAPÔNICOS; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Ciências Biológicas) - Faculdades Integradas de Santa Fé do Sul, PIBIC/FUNEC; Orientador: Andreia Estela Moreira de Souza;

Evaldo Franco de SOUZA JUNIOR

Levantamento do Número de Alunos com Deficiências nas Escolas Municipais de Paranaíba/MS e Concepções dos Educadores Sobre Inclusão; 2016; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Ciências Biológicas) - Faculdades Integradas de Santa Fé do Sul, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Andreia Estela Moreira de Souza;

Juliano Motta RODERO; Anielo RODRIGUES

ANÁLISE DA CONTAMINAÇÃO MICROBIANA NAS ETAPAS DE PROCESSAMENTO E FERMENTAÇÃO DA CANA DE AÇUCAR EM UMA USINA SUCROALCOOLEIRA; 2015; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Ciências Biológicas) - Faculdades Integradas de Santa Fé do Sul; Orientador: Andreia Estela Moreira de Souza;

Tarossi, C

M; ; UMA REVISÃO SOBRE AS ANOMALIAS CROMOSSOMICAS: PRINCIPAIS SINDROMES HUMANAS DECORRENTES DE DELEÇÕES CROMOSSOMICAS; 2011; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Ciências Biológicas) - Faculdades Integradas de Santa Fé do Sul, PIBIC/FUNEC; Orientador: Andreia Estela Moreira de Souza;

EVELLIN GRICY RODRIGUES DOS SANTOS

Aspectos Genéticos da Leucemia Linfocítica Aguda; 2009; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em ENFERMAGEM) - Faculdades Integradas de Santa Fé do Sul; Orientador: Andreia Estela Moreira de Souza;

AURELÍVIA DE SOUZA MACHADO

INFECÇÃO NO TRATO URINÁRIO: UMA REVISÃO DE LITERATURA; 2009; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em ENFERMAGEM) - Faculdades Integradas de Santa Fé do Sul; Orientador: Andreia Estela Moreira de Souza;

LUCIMAR MICHEVIZ MACIEL

OCORRÊNCIA DE INFECÇÕES HOSPITALARES SEPTICÊMICAS E CIRÚRGICAS E, ILHA SOLTEIRA/SP; 2009; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em ENFERMAGEM) - Faculdades Integradas de Santa Fé do Sul; Orientador: Andreia Estela Moreira de Souza;

Takizawa, R

F; ; Lacerda, T; N; ; Silva, A; F; Levantamento Florístico de um Fragmento Florestal pertencente ao parque das Águas Claras, Santa Fé do Sul/SP; 2011; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências Biológicas) - Faculdades Integradas de Santa Fé do Sul, PIBIC/FUNEC; Orientador: Andreia Estela Moreira de Souza;

André Ferreira e Silva e Rafael H de Lima Takizawa

Levantamento Florístico da àrea Urbana de Santa Fé do Sul; 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências Biológicas) - CENTRO UNIVERSITARIO DE SANTA FE DO SUL, CENTRO UNIVERSITARIO DE SANTA FE DO SUL; Orientador: Andreia Estela Moreira de Souza;

Lacerda, T

N; ; Silva, A; F; ; Takizawa, R; de Lima; Levantamento Floristico da Área Urbana de Santa Fé do Sul: Praças e Bairros Bela Vista e Santa Cruz; 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências Biológicas) - Faculdades Integradas de Santa Fé do Sul, PIBIC/FUNEC; Orientador: Andreia Estela Moreira de Souza;

Ana Paula dos Santos Santana

Florística de um remanescente de mata estacional semidecídua do município de Jales/SP; 2007; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências com Licenciatura Plena em Biologia) - Centro Universitário de Jales; Orientador: Andreia Estela Moreira de Souza;

Fabiana Alvão dos Santos

Florística das Ruas, Praças e Avenidas do Bairro Centro de Jales; 2007; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências com Licenciatura Plena em Biologia) - Centro Universitário de Jales; Orientador: Andreia Estela Moreira de Souza;

Aparecida Antunes Guimarães

Florística de Angiospermas; 2006; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências com Licenciatura Plena em Biologia) - Centro Universitário de Jales; Orientador: Andreia Estela Moreira de Souza;

Cassia C

S; Lopes; Composição Florística do Bosque Municipal de Jales/SP; 2004; Iniciação Científica; (Graduando em Licenciatura Plena em Biologia) - Faculdades Integradas de Jales; Orientador: Andreia Estela Moreira de Souza;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • RODERO, JULIANO MOTTA ; RODRIGUES, ANIELO ; SOUZA, ANDREIA ESTELA MOREIRA . ANÁLISE DA CONTAMINAÇÃO MICROBIANA NAS ETAPAS DE PROCESSAMENTO E FERMENTAÇÃO DA CANA DE AÇUCAR EM UMA USINA SUCROALCOOLEIRA. REVISTA FUNEC CIENTÍFICA - MULTIDISCIPLINAR - ISSN 2318-5287 , v. 5, p. 12-22, 2017.

  • SOUZA JUNIOR, E. F. ; SOUZA, A.E.M . LEVANTAMENTO DO NÚMERO DE ALUNOS COM DEFICIÊNCIAS NAS ESCOLAS MUNICIPAIS DE PARANAÍBA/MS E CONCEPÇÕES DOS EDUCADORES SOBRE INCLUSÃO. Revista FUNEC Científica- Educação , v. 02, p. 20-33, 2016.

  • COELHO, G. C. Z. ; LEAO, R. A. ; SOUZA, H. S. M. C. E. ; SOUZA, A.E.M ; Ferro, D.A.M . PREPARO DE LÂMINAS PERMANENTES PARA ENSINO DE HISTOLOGIA ANIMAL E VEGETAL SEM A UTILIZAÇÃO DE MICROTOMIA. Revista FUNEC Científica , v. 3, p. 90-98, 2014.

  • OLIVEIRA, A. C. ; RULI, K. T. ; PEDROSO, M. A. ; SOUZA, A.E.M . ANÁLISE MICROBIOLÓGICA DA ÁGUA DE MINAS E POÇOS SEMIARTESIANOS DE SANTA FÉ DO SUL, SP. Revista FUNEC Científica , v. 2, p. 15-27, 2013.

  • CRAVEIRO, D. M. ; SOUZA, A.E.M . AVALIAÇÃO DA CONTAMINAÇÃO MICROBIOLÓGICA EM FÔMITES E SOLUÇÕES DAS CLÍNICAS DE ODONTOLOGIA DAS FACULDADES INTEGRADAS DE SANTA FÉ DO SUL. Revista FUNEC Científica , v. 2, p. 28-38, 2013.

  • SOUZA, A.E.M ; Silva, AF ; TAKIZAWA, R. H. L. ; Lacerda, TN . Levantamento Florístico de um Fragmento Florestal Pertencente ao Parque das Águas Claras, Santa Fé do sul/Sp. Revista FUNEC Científica , v. 01, p. 94-101, 2012.

  • MOREIRA, A. E. ; Gaspar, J.O. ; Kuniyuki, H. . Detecção do Grapevine virus A e Grapevine virus B por Hibridização. Fitopatologia Brasileira , 2005.

  • Luciana M Espinha de Sant'ana ; MOREIRA, A. E. ; Gaspar, J.O. ; Ana Cecília B Pereira ; Belintani, P ; Camargo, L.E.A. . Sequenciamento da Região 3?terminal de um isolado brasileiro do Southern bean mosaic virus. Fitopatologia Brasileira , v. 30, p. 546-549, 2005.

  • MOREIRA, A. E. ; Gaspar, J.O. ; Camargo, L.E.A. ; Kuniyuki, H. . Caracterização do gene da proteína capasidial do Grapevine virus A em videiras afetadas pela acanaladura do lenho de Kober no Estado de São Paulo. Fitopatologia Brasileira , v. 29, p. 205-208, 2004.

  • MOREIRA, A. E. ; Gaspar, J.O. ; Camargo, L.E.A. ; Kuniyuki, H. . Caracterização do gene da proteína capsidial de dois isolados, patologicamente distintos e sorologicamente semelhantes, do Grapevine virus B em videiras no Estado de São Paulo. Fitopatologia Brasileira , v. 29(1), p. 75-80, 2004.

  • MOREIRA, A. E. ; Gaspar, J.O. . Propriedades Moleculares de um Isolado Brasileiro do. Fitopatologia Brasileira , Fitopatologia Brasileira, v. 27, n.3, p. 292-297, 2002.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

MOREIRA, A. E. . Reestruturação Curricular do Curso de Ciências Biológicas das FISA/FUNEC. 2009.

MOREIRA, A. E. . Genética do Comportamento Humano: Capacitação Básica para Cuidadores de Idosos. 2011. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

MOREIRA, A. E. . Mesa Redonda: Contribuições da pesquisa e da Iniciação Científica na área de saúde como produção de connhecimento. 2011. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

MOREIRA, A. E. . Embriologia do Desenvolvimento. 2010. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

Salvini, T F ; Gomes, J B ; MOREIRA, A. E. . Mesa Redonda: Contribuições da Pesquisa e da Iniciação Científica na área da Saúde como Produção de Conhecimento. 2010. (Mesa Redonda: Palestrante).

MOREIRA, A. E. . Taxonomia de Angiospermas e Construção de um Herbário Fenerogâmico. 2007. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

MOREIRA, A. E. . Programa de Formação Continuada Teia do Saber. 2004. .

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2018 - Atual

    INCIDÊNCIA E FATORES DE RISCO DA DIABETES MELLITUS EM CRIANÇAS E ADOLESCENTES NO MUNICÍPIO DE SANTA FÉ DO SUL/SP, Descrição: A Diabetes mellitus (DM) é uma síndrome de etiologia múltipla, decorrente da falta de insulina e/ou da incapacidade da insulina de exercer adequadamente seus efeitos. Caracteriza-se por hiperglicemia crônica com distúrbios do metabolismo de carboidratos, lipídios e proteínas. A DM constitui importante problema de saúde pública, associando-se a complicações que comprometem a produtividade, qualidade de vida e sobrevida dos indivíduos. O presente trabalho tem como objetivo levantar a incidência da Diabetes Mellitus tipo 1 e 2 em crianças e adolescentes no Município de Santa Fé do Sul, relacionar com fatores de risco e avaliar as dificuldades encontradas pelos familiares no controle glicêmico. A amostra será composta por crianças e adolescentes, na faixa de 0 a 18 anos portadores de DM tipo 1 ou 2, cadastrados nos programas de saúde da família cujos os pais autorizarem a participação na pesquisa. Para levantamento da incidência dos portadores de DM 1 e 2 será realizada pesquisa documental pelo sistema E-SUS e análise dos prontuários dos pacientes para obtenção de dados extras para caracterização individual e a evolução da doença. A obtenção da associação da doença com fatores de risco, a assistência do Estado e Município e as dificuldades encontradas para o controle glicêmico serão realizadas pela aplicação de um questionário fechado. A identidade de todos os participantes da pesquisa será preservada. Ao longo da pesquisa serão ministradas palestras informativas sobre a DM 1 e DM 2 aos familiares em vista de auxiliar no controle glicêmico.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Andreia Estela Moreira de Souza - Coordenador / Graças Aparecida Tomaz - Integrante / Welem da Silva Vieira - Integrante.

  • 2017 - 2017

    FENOLOGIA DE ESPÉCIES DA FAMÍLIA BIGNONIACEAE EM UMA ÁREA DE REFLORESTAMENTO DO CAMPUS II DA FUNEC ? SANTA FÉ DO SUL/SP, Descrição: Fenologia consiste no estudo das fenofases em uma escala temporal, isto é, a época de brotação, floração, frutificação e dispersão de sementes de uma determinada espécie. Pode ser utilizada para entendimento da ecologia de ecossistema, pesquisas de reprodução de espécies que visam a conservação de biomas e recuperação de áreas degradadas. Entre as várias espécies utilizadas para o reflorestamento de áreas degradadas, está a Família Bignoniaceae com 32 gêneros e cerca de 350 espécies de ocorrência no Brasil. O presente trabalho tem como objetivo investigar o padrão fenológico de espécies da família Bignoniaceae em uma área de reflorestamento do campus II das Faculdades Integradas de Santa Fé do Sul/SP (FUNEC) e, com bases nos resultados, identificar os fatores abióticos e bióticos que estão atuando no desenvolvimento do ecossistema local. Trata-se de uma pesquisa de campo qualitativa e quantitativa com acompanhamento dos espécimes de plantas da família Bignoniaceae na área de reflorestamento (67 espécimes). A observação dos espécimes será realizada quinzenalmente e em horários alternados, entre os meses de março a outubro. Serão registrados em planilha os aspectos qualitativos da presença ou ausência de floração, frutificação, abscisão e brotação foliar e os quantitativos de diâmetro a altura do peito (DAP) e diversidade. Os indivíduos serão registrados por fotografia com câmera digital. Com base nos resultados espera-se conhecer mais sobre a biologia reprodutiva da família Bignoniaceae e avaliar o desenvolvimento do ecossistema em relação ao ambiente no qual estão inseridas.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Andreia Estela Moreira de Souza - Coordenador / Gabriela de Almeida Silva - Integrante / Adriana Cristina Papa - Integrante., Financiador(es): PIBIC/FUNEC - Bolsa.

  • 2017 - 2017

    ESTUDO COMPARATIVO DO DESENVOLVIMENTO DE ALFACES EM SISTEMAS AQUAPONICOS PELO USO DE MATERIAIS DISTINTOS NOS FILTROS BIOLÓGICOS, Descrição: O presente estudo tem como objetivo principal analisar a eficácia do sistema aquapônico com diferentes suportes para filtros biológicos, avaliando o desenvolvimento de alfaces e a qualidade do sistema.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Andreia Estela Moreira de Souza - Coordenador / Caroline Lopes da Silva - Integrante / Eliane Aparecida Jeremias - Integrante / Kaic Ferraz - Integrante.

  • 2016 - 2016

    ANÁLISE MICROBIOLÓGICA E FÍSICO-QUÍMICA DE UMA ESTAÇÃO DE TRATAMENTO DE ESGOTO DA CIDADE DE SANTA FÉ DO SUL - SP, Descrição: A qualidade e eficácia de uma estação de tratamento de esgoto (ETE) é regulamentada de acordo com os parâmetros físicos, químicos e microbiológicos. A qualidade do efluente final deve passar por um controle rigoroso quanto aos padrões de qualidade pré-estabelecidos, diminuindo os riscos ambientais. Embora a ETE de Santa Fé do Sul seja monitorada pela CETESB (Companhia Ambiental do Estado de São Paulo) um estudo científico sobre sua eficácia nunca foi realizado. O presente trabalho objetivou avaliar a eficácia do tratamento de esgoto de uma Estação de Tratamento de Santa Fé do Sul/ SP como forma de avaliar os impactos resultantes no ambiente. Para isso, foram analisadas amostras de três pontos da ETE: chegada do esgoto, lagoa de depuração e efluente. Verificou-se a contaminação microbiológica pelo análise das unidades formadoras de colônias em meio de cultura, pH, Demanda Bioquímica de Oxigênio (DBO) e condições físicas do local. Em relação a DBO, o esgoto recebido é classificado como forte (DBO maior que 400 mg/L). O efluente (tratado) apresentou DBO 210 mg/L, com redução inferior a 60 mg/L ou inferior a 80% em relação ao inicial, sendo inapto para lançamento no ambiente. O pH variou entre 7 e 9, estando dentro dos valores permitidos. A contaminação microbiana apresentou índices maiores do que o permitido pela legislação (109-1010UFC/100mL). As bactérias predominantes foram principalmente bacilos gram-negativos. Os resultados indicam que o efluente da ETE analisada não está apta para lançamento no ambiente, devendo o seu tratamento ser adaptado a fim de evitar impactos ambientais.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Andreia Estela Moreira de Souza - Coordenador / Caio Fernando Dias - Integrante / Érick Vinícius Leonel Pereira - Integrante / Vinícius Marcolino Dias - Integrante.

  • 2015 - 2016

    INCLUSÃO ESCOLAR DE PESSOAS COM DEFICIÊNCIA INTELECTUAL NO MUNICÍPIO DE PARANAÍBA-MS: LEVANTAMENTO E CONCEPÇÕES DOS PROFESSORES DE CIÊNCIAS E BIOLOGIA, Descrição: A inclusão escolar, influenciada por diretrizes internacionais, vem se constituindo prioritária na legislação brasileira desde a década de 90, com base nos princípios da Declaração de Salamanca, postulando que todos os alunos devem ter a possibilidade de acesso ao ensino regular, mesmo aqueles com deficiências motoras, sensoriais, cognitivas ou que apresentam transtornos severos. O atendimento educacional de alunos com necessidades especiais desafia a escola comum, pois pressupõe uma reestruturação do sistema de ensino, que deverá adequar-se às diferentes necessidades dos alunos. O objetivo desse trabalho é levantar o número de alunos com deficiências que estão incluídos nas escolas regulares do Município de Paranaíba, caracterizando os tipos de deficiência e as dificuldades encontradas pelos professores no processo de inclusão. Trata-se de uma pesquisa de campo, com análise documental e quantitativa. A amostra será composta por portadores de deficiências intelectuais cadastrados na APAE de Paranaíba-MS, matriculados na rede de ensino. Além disso, os professores de ciências e biologia envolvidos na educação desses alunos serão entrevistados por meio de questionário estruturado fechado sobre a proposta inclusiva da escola e suas dificuldades. O Projeto será inicialmente submetido ao Comitê de Ética em Pesquisa envolvendo Seres Humanos da FUNEC para aprovação. Um Termo de Consentimento Livre e Esclarecido (TCLE) será enviado ao responsável pela unidade da APAE/Paranaíba e uma autorização para a Secretaria de Educação para início da pesquisa. Além disso, TCLE também serão obtidos dos professores envolvidos na pesquisa. Os dados obtidos serão tabulados e submetidos à análise estatística.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Andreia Estela Moreira de Souza - Coordenador / Evaldo Franco de Souza Júnior - Integrante.

  • 2015 - Atual

    Análise da Contaminação Microbiana nas Etapas de Processamento e Fermentação da Cana da Açúcar em uma usina Sucroalcooleira, Descrição: A fermentação alcoólica é um processo complexo, extenso e utilizado pelas indústrias de açúcar e etanol. Uma das complicações da fermentação alcoólica é a presença de bactérias contaminantes que competem com leveduras no processo de fabricação de etanol. O objetivo deste trabalho foi verificar a presença de bactérias contaminantes em sete fases do processo de fermentação de uma usina de Açúcar e Álcool e proceder a identificação das espécies. Uma amostra de 0,5 para ml foi coletada das seguintes fases: entrada e saída do decantador, entrada e saída do trocador de calor, antes do anel de mosto, no anel de mosto. Essa amostra foi inoculada em meio de cultura BHI-Agar e mantido a 37C por 48 horas para crescimento microbiano. Após crescimento, procedeu-se a análise das Unidades Formadoras de Colônia (UFC), seguida por coloração de Gram e observação no microscópio. Observou-se a presença de contaminação bacteriana em todas as fases do processo e fungos apenas no caldo misto. No entanto a contaminação foi decrescente com o prosseguimento das subfases provavelmente devido ao aumento progressivo da temperatura. A análise microscópica revelou principalmente a presença de bastonetes gram-positivos, provavelmente do genêro Lactobacillus descrito como o principal contaminante do processo de fermentação. Além disso, foram encontrados bacilos gram-negativos e cocos gram-positivos. Conclui-se que a contaminação bacteriana constitui um problema no processo fermentativo, podendo ocasionar floculação do fermento, queda de viabilidade das leveduras e outros inconvenientes, que somados causam a perda de do rendimento alcoólico do vinho e problemas operacionais.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Andreia Estela Moreira de Souza - Coordenador / Anielo Rodrigues - Integrante / Juliano Motta Rodero - Integrante.

  • 2014 - 2015

    ANÁLISE MICROBIOLÓGICA E DESCONTAMINAÇÃO DE ESCOVAS DENTAIS UTILIZADAS POR CRIANÇAS EM UMA ESCOLA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO INFANTIL DE SANTA FÉ DO SUL, Descrição: A escovação é o método mais eficaz e popular para o controle do biofilme dental, a fim de evitar e prevenir cáries e doenças periodontais. Em contrapartida, existem microrganismos que são capazes de sobreviver entre as cerdas das escovas. Em escolas existe outro agravante que é o contato salivar, decorrente da troca ou compartilhamento de escovas. O objetivo desse trabalho foi avaliar a contaminação microbiológica de escovas dentais utilizadas por crianças que freqüentam uma creche municipal em Santa Fé do Sul/SP e estabelecer um protocolo de descontaminação eficiente e de fácil aplicação.Compuseram a amostra 55 escovas distribuídas a crianças da escola municipal, utilizadas por um período de 30 dias. Dessas, 35 foram recolhidas e imersas em tubos de ensaiocontendo solução salina e NaCl 1% e 20 foram submetidas ao método de descontaminação por borrifamento com solução de hipoclorito de sódio a 1% e 2%. Um ml de cada solução foi inoculada em meio ágar BHI, incubados a 37°C por um período de 48 horas.Observou-se presença de contaminação em aproximadamente 89% das escovas, com presença decocos grampositivos semelhantes a estreptococos orais,além de bacilos gram negativos, cuja colonização precoce é fator de risco a periodontites agressivas. O fungo Candida albicans esteve presente em 23% das amostras. A descontaminação por borrifamento apresentou melhores resultados na concentração de 1% de hipoclorito. Não foi possível eliminar totalmente os microrganismos, mas a redução significativa e facilidade do método de descontaminação justificam o emprego da metodologia na escola de educação infantil.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Andreia Estela Moreira de Souza - Coordenador / Denner Leopoldino Esperança - Integrante.

  • 2014 - 2015

    "Preparo de Lâminas Permanentes Para ensino de Histologia Animal e Vegetal sem a Utilização de Microtomia", Descrição: O Processo de ensino-aprendizado das disciplinas Histologia Animal e Vegetal no ensino superior é geralmente feito pela associação entre o componente teórico e o prático, sendo este último realizado pela observação dos tecidos em microscópio óptico. Para essa análise é necessário a confecção de lâminas delgadas de tecidos que formam os órgãos, denominadas lâminas histológicas. Embora a Fundação Municipal de Educação e Cultura (FUNEC) não apresente um micrótomo para cortes ultrafinos de tecidos animais e vegetais, muitos tipos de lâminas permanentes que estão em falta ou inexistem no laboratório de microscopia podem ser produzidas dispensando essa aparelhagem, como lâminas de esfregaço sanguíneo humano e de outros vertebrados, grãos de pólen de diferentes espécies de plantas, grãos de amido, entre outras. O objetivo desse trabalho foi preparar lâminas histológicas permanentes para ensino de Histologia Animal e Vegetal sem o auxílio de microtomia, restaurando e implementando o acervo histológico da FUNEC e estabelecendo um acervo na área de histologia vegetal, até então inexistente. Para o graduando em licenciatura em Ciências Biológicas o aprendizado nesse aspecto é de grande importância, tanto para a formação científica, como para a formação como educador, pois possibilita a busca por metodologias de ensino mais dinâmicas e atrativas.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Andreia Estela Moreira de Souza - Coordenador / Geovanna Carla Zacheo Souza Coelho - Integrante / Renan Alex Leão - Integrante.

  • 2012 - Atual

    PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INCENTIVO Á DOCÊNCIA (PIBID/FUNEC/CIÊNCIAS), Descrição: O PROGRAMA VISA ESTIMULAR E MELHORAR A FORMAÇÃO DE EDUCADORES, PELA APLICAÇÃO DE PRÁTICAS PEDAGÓGICAS INOVADORAS, CONTATO COM O AMBIENTE ESCOLAR E APLICAÇÃO DE TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (25) . , Integrantes: Andreia Estela Moreira de Souza - Coordenador / ELIANA DO AMARAL GIMENEZ - Integrante.

  • 2011 - 2011

    Levantamento Florístico de um Fragmento Florestal Pertencente ao Parque das Águas Claras, Santa Fé do Sul/SP, Descrição: No Noroeste do Estado de São Paulo as formações florestais são pouco conhecidas quanto à composição florística e aspectos da dinâmica florestal. Levantamentos florísticos consistem em identificar as espécies vegetais de uma determinada área, sendo essenciais para a obtenção de informações sobre a estrutura da comunidade e sua classificação fisionômica. Este trabalho objetivou levantar as espécies arbóreas presentes no fragmento de mata nativa do Parque Ecoturístico das Águas Claras, Município de Santa Fé do Sul, para determinar seu tipo de formação vegetal, visando estratégias futuras de manejo e conservação. Inicialmente, foram realizadas caminhadas aleatórias para reconhecer a área e identificar as espécies das parcelas amostrais. Para a amostragem, utilizou-se o método de parcelas demarcando-se aleatoriamente, 5 parcelas totalizando de 2500 m, correspondentes a aproximadamente 12,66% da área total do fragmento. Em cada parcela, foram amostrados todos os indivíduos lenhosos com PAP (perímetro à altura do peito) 15 cm. O material vegetal foi herborizado segundo as técnicas convencionais e identificado por consultas à literatura específica segundo o sistema de classificação proposto pelo APG II (Angiosperm Phylogeny Group). Foram identificadas 22 espécies representantes de 12 famílias da divisão Magnoliophyta, possuindo uma predominância da espécie Copaifera langsdorffii (Copaíba), seguido das espécies Luehea grandiflora (Açoita cavalo) e Platypodium elegans (Jacarandá-bana). As famílias Caesalpiniaceae, Fabaceae e Malvaceae são as que apresentaram o maior número de indivíduos. As informações obtidas indicam que a formação vegetal apresenta características fisionômicas e composição florística característica de Floresta Estacional Semidecídua, com 70,71% de representatividade.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Andreia Estela Moreira de Souza - Coordenador / Rafael Henrique de Lima Takizawa - Integrante / André Ferreira e Silva - Integrante / Tamiris Nogueira de Lacerda - Integrante., Financiador(es): PIBIC/FUNEC - Bolsa.

  • 2010 - 2011

    Levantamento florístico da área urbana de Santa Fé do Sul: Bairros Bela Vista e Santa Cruz, Descrição: Foi realizado um levanamento das espécies arbóreas e arbustivas presentes nas ruas e praças dos Bairros Bela Vista e Santa Cruz do Município de Santa Fé do Sul para quantificar a diversidade nessas duas áreas de estudo.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Andreia Estela Moreira de Souza - Coordenador., Financiador(es): Faculdades Integradas de Santa Fé do Sul - Bolsa.

  • 2008 - 2009

    Florística das Ruas, Praças e Avenidas do Bairro Centro de Jales/SP, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Andreia Estela Moreira de Souza - Coordenador.

  • 2008 - 2009

    OCORRÊNCIA DE INFECÇÕES HOSPITALARES SEPTICÊMICAS E CIRÚRGICAS EM UM HOSPITAL DO MUNICÍPIO DE ILHA SOLTEIRA (SP), Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Andreia Estela Moreira de Souza - Coordenador.

  • 2002 - 2007

    Levantamento Florístico do Bosque Municipal de Jales, SP, Descrição: Levantamento de espécies de Fanerógamas presentes no Bosque Municipal de Jales e classificação da área de estudo. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (5) . , Integrantes: Andreia Estela Moreira de Souza - Coordenador.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Prêmios

2015

Menção Honrosa ao Trabalho "Análise da Contaminação Microbiana nas Etapas de Processamento e Fermentação da Cana de Acúcar em uma Usina Sucroalcooleira", 6 Fórum Científico FUNEC.

2014

Menção Honrosa ao Trabalho "Análise Microbiológica dos Lavatórios de uma creche do Município de Santa Fé do Sul/SP: um estudo piloto", XV Jornada Odontológica da FUNEC.

2014

Menção Honrosa ao Trabalho"Prevalência de Doença Periodontal em Indivíduos com Síndrome de Down: Um enfoque genético", XV Jornada Odontológica da FUNEC.

2013

Menção Honrosa ao Trabalho "Preparo de Lâminas Permanentes para o ensino de Histologia Animal e Vegetal sem a Utilização de Microtimia", 4 Fórum de Iniciação Científica da FUNEC.

2013

Menção Honrosa ao Trabalho "Análise Microbiológica da Água de Minas e Poços semi Artesianos de Santa Fé do Sul/SP", 4 Fórum de Iniciação Científica da FUNEC.

2011

Menção Honrosa ao trabalho "Prncipais espécies bacterianas associadas à Infecções endodônticas", 2 Fórum de iniciação Científica da FUNEC.

2011

Menção Honrosa ao trabalho "Levantamento Florístico de um Fragmento Florestal Pertencente ao Parque das Águas Claras, Santa Fé do Sul/SP, 2 Fórum de Iniciação Científica da FUNEC.

1998

MELHOR ALUNA DA TURMA DE 1998 DE CIÊNCIAS BIOLOGICAS, UNESP.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Faculdades Integradas de Santa Fé do Sul, Coordenação. , Av. Mangará, 477 - Coordenação de Ciências Biológicas, Jardim Mangará, 15775000 - Santa Fé do Sul, SP - Brasil, Telefone: (17) 36419000, Ramal: 9069, URL da Homepage:

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

2007 - Atual

Faculdades Integradas de Santa Fé do Sul

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Pesquisa e Extensão, Carga horária: 20

2015 - Atual

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE SANTA FÉ DO SUL

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Orientador de Iniciação Científica, Carga horária: 10

2014 - Atual

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE SANTA FÉ DO SUL

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Membro do Comitê Científico da Revista FUNEC, Carga horária: 4

2012 - Atual

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE SANTA FÉ DO SUL

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Coordenador do Projeto PIBID/CAPES Ciências, Carga horária: 20

Outras informações:
Coordenador do Subprojeto de Ciências do Programa de Bolsas de Incentivo a Docência (PIBID) da CAPES, orientando graduandos do curso de Ciências Biológicas em atividades de iniciação à Docência nas escolas da rede de Educação Básica Pública.

2011 - Atual

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE SANTA FÉ DO SUL

Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Membro do Comitê de ética em Pesquisa, Carga horária: 8

Outras informações:
Membro do Comitê de ética em Pesquisa com seres Humanos das FISA/FUNEC

2009 - Atual

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE SANTA FÉ DO SUL

Vínculo: MEMBRO DO COMITÊ DE PESQUISA, Enquadramento Funcional: PARECERISTA

2007 - Atual

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE SANTA FÉ DO SUL

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Titular I, Carga horária: 20

Outras informações:
Professora de Biologia, Histologia, Microbiologia e Imunologia para os cursos de Ciências Biológicas, Nutrição, Enfermagem, Educação Física, Odontologia e Fisioterapia

2009 - 2016

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE SANTA FÉ DO SUL

Vínculo: Coordenação do curso, Enquadramento Funcional: Coordenação do Curso de Ciências Biológicas, Carga horária: 20

2009 - 2013

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE SANTA FÉ DO SUL

Vínculo: Presidencia de Comissão, Enquadramento Funcional: Presidente da Comissão do Vestibular, Carga horária: 10

2008 - 2009

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE SANTA FÉ DO SUL

Vínculo: MEMBRO DO COMITÊ DE ÉTICA CEP, Enquadramento Funcional: MEMBRO

Outras informações:
Comite de Ética em Pesquisa com Seres Humanos

Atividades

  • 02/2008

    Ensino, Ciências Biológicas, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Biologia Celular, Microbiologia e Genética

  • 01/2007

    Ensino, Fisioterapia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Biologia Geral

  • 01/2007

    Ensino, Enfermagem, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Imunologia, Microbiologia, Biologia Humana II, Biologia Humana I

  • 01/2007

    Ensino, Odontologia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Genética e Biologia Molecular

  • 05/2008 - 02/2009

    Conselhos, Comissões e Consultoria, FUNEC, .,Cargo ou função, membro do Comitê de Ética em Pesquisa da FUNEC.

2002 - 2010

Centro Universitário de Jales

Vínculo: Professor, Enquadramento Funcional: Professor, Carga horária: 18

Outras informações:
Responsável pelas disciplinas de Genética; Botânica: Morfologia Vegetal; Botânica: Sistemática e Pesquisas e Práticas Educacionais

Atividades

  • 01/2002

    Ensino, Ciências com Licenciatura Plena em Biologia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Genética I, Genética II, Botânica I, Botânica II, Educação Ambiental e Saúde