Camila Santos Bueno da Silva

Possui graduação em Engenharia Civil pela Universidade de Brasília (2011) e mestrado em Tecnologia Ambiental e Recursos Hídricos pela Universidade de Brasília (2015). Tem experiência na área de Engenharia Civil, tendo atuado desde a época da graduação na área de consultoria de projetos, mais especificamente em projetos de usinas hidrelétricas com ênfase em estudos hidrológicos e hidráulicos. Tem atuado na área de pesquisa principalmente nos seguintes temas: análise de frequência de cheias, não estacionariedade e hidrologia.

Informações coletadas do Lattes em 01/07/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Mestrado em Tecnologia Ambiental e Recursos Hídricos

2014 - 2015

Universidade de Brasília, UnB
Título: Modelagem não Homogênea e não Estacionária de Máximos Anuais de Vazão,Ano de Obtenção: 2015
Carlos Henrique Ribeiro Lima.Palavras-chave: análise de frequência de cheias; sazonalidade; estacionariedade; homogeneidade; cópula; distribuição bivariada. Grande área: EngenhariasSetores de atividade: Pesquisa e desenvolvimento científico.

Graduação em Engenharia Civil

2006 - 2011

Universidade de Brasília, UnB
Título: ESTUDOS DE TENDÊNCIAS TEMPORAIS E MODELAGEM NÃO ESTACIONÁRIA DE FREQUÊNCIA DE EVENTOS DE CHEIAS
Orientador: CARLOS HENRIQUE RIBEIRO LIMA

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2015 - 2015

Gestão de Riscos de Inundação. (Carga horária: 16h). , Agência Nacional de Águas, ANA, Brasil.

2014 - 2014

Curso de Hidráulica de rios com uso de HEC - RAS em combinação com Softwar. (Carga horária: 40h). , Associação Brasileira de Engenharia Sanitaria e Ambiental, ABES, Brasil.

2013 - 2013

Curso de Segurança de Barragens - Aspectos técnicos e legais. (Carga horária: 40h). , Comitê Brasileiro de Grandes Barragens, CBGB, Brasil.

2013 - 2013

Outorga do Direito De Uso dos Recursos Hídricos. (Carga horária: 20h). , Agência Nacional de Águas, ANA, Brasil.

2012 - 2012

3º Curso de Hidrossedimentologia. (Carga horária: 40h). , Synergia Cursos, SYNERGIA, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Bandeira representando o idioma Inglês

Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Bandeira representando o idioma Espanhol

Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Pouco, Escreve Pouco.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

Grande área: Engenharias / Área: Engenharia Civil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

Ciclo de Palestras sobre Gestão de Risco de Inundação - ANA. 2015. (Encontro).

Seminário 5 anos da Política Nacional de Segurança de Barragens: situação atual e perspectivas. 2015. (Seminário).

AGU 2013 Meeting of the Americas.Non-stationary flows analyses in southeastern Brazil. 2013. (Encontro).

XIX Simpósio Brasileiro de Recursos Hídricos. Análise e Modelagem Estatística Não-Estacionária de Cheias Sazonais. 2011. (Congresso).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Carlos Henrique Ribeiro Lima

LIMA, C. H. R.; PINTO, E. J. A.; Reis Júnior, D. S.. Modelagem Não Homogênea e Não Estacionária de Máximos Anuais de Vazão. 2015. Dissertação (Mestrado em Tecnologia Ambiental e Recursos Hídricos) - Universidade de Brasília.

Dirceu Silveira Reis Júnior

REIS, D. S. Jr; LIMA, C. H. R.; PINTO, E. J. A.. Modelagem Não Homogênea e Não Estacionária de Máximos Anuais de Vazão. 2015. Dissertação (Mestrado em Tecnologia Ambiental e Recursos Hídricos) - Universidade de Brasília.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Carlos Henrique Ribeiro Lima

Modelagem não-homogênea e não-estacionária de máximos anuais de vazão; 2015; Dissertação (Mestrado em Tecnologia Ambiental e Recursos Hídricos) - Universidade de Brasília,; Orientador: Carlos Henrique Ribeiro Lima;

Carlos Henrique Ribeiro Lima

ESTUDOS DE TENDÊNCIAS TEMPORAIS E MODELAGEM NÃO ESTACIONÁRIA DE FREQUÊNCIA DE EVENTOS DE CHEIAS; 2011; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Engenharia Civil) - Universidade de Brasília; Orientador: Carlos Henrique Ribeiro Lima;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • ANJOS, S. L. ; LIMA, C. H. R. ; SILVA, C. S. B. . ONDALETAS APLICADAS À ANÁLISE DE VARIABILIDADE DE BAIXA FREQUÊNCIA EM SÉRIES DE AFLUÊNCIA AOS RESERVATÓRIOS HIDRELÉTRICOS BRASILEIROS.. In: Simpósio Brasileiro de Recursos Hídricos, 2015, Brasília. Anais do XXI Simpósio Brasileiro de Recursos Hídricos, 2015.

  • ANJOS, S. L. ; SILVA, C. S. B. ; LIMA, C. H. R. . MODELAGEM ESTATÍSTICA NÃO ESTACIONÁRIA DE CHEIAS SAZONAIS NO SUDESTE BRASILEIRO. In: XX SIMPÓSIO BRASILEIRO DE RECURSOS HÍDRICOS, 2013, Bento Gonçalves. Anais do XX Simpósio Brasileiro de Recursos Hídrico, 2013.

  • SILVA, C. S. B. ; ANJOS, S. L. ; LIMA, C. H. R. . Análise e Modelagem Estatística Não-Estacionária de Cheias Sazonais. In: XIX Simpósio Brasileiro de Recursos Hídricos, 2011, Maceió. Análise e Modelagem Estatística Não-Estacionária de Cheias Sazonais, 2011.

  • SILVA, C. S. B. ; ANJOS, S. L. ; LIMA, C. H. R. . Non-stationary flows analyses in southeastern Brazil. In: AGU 2013 Meeting of the Americas, 2013, Cancun. Proceedings of the 2013 AGU Meeting of the Americas, 2013.

  • SILVA, C. S. B. ; ANJOS, S. L. ; LIMA, C. H. R. . Non-stationary flows analyses in southeastern Brazil. 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • SILVA, C. S. B. ; ANJOS, S. L. ; LIMA, C. H. R. . Análise e Modelagem Estatística Não-Estacionária de Cheias Sazonais. 2011. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2014 - Atual

    Análise e Modelagem de Séries Hidroclimáticas, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Carlos Henrique Ribeiro Lima em 03/05/2016., Descrição: O entendimento e modelagem de séries temporais em hidrologia e climatologia constitui uma importante ferramenta de suporte à gestão dos recursos hídricos, energéticos e de eventos extremos no país. Nesse sentido, esse projeto busca avançar no entendimento da dinâmica espaço-temporal de séries hidroclimáticas e desenvolver modelos multi-escala para simulação e previsão de tais séries. Para atingir esses objetivos, empregam-se ferramentas estatísticas modernas, como inferência Bayesiana e métodos de aprendizagem de máquina, assim como modelagem hidrológica conceitual. Em particular, as técnicas e metodologias desenvolvidas são aplicadas a séries históricas de precipitação, vazão e temperatura de diversas regiões do país, tendo como foco principal a previsão de afluências, o desenvovimento de modelos chuva-vazão, o estudo de veranicos, a modelagem de frequência de cheias e o desenvolvimento de índices de seca, dentre outras aplicações... , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (4) . , Integrantes: Camila Santos Bueno da Silva - Integrante / Sarah Lopes dos Anjos - Integrante / Carlos Henrique Ribeiro Lima - Coordenador / Dirceu Silveira Reis Júnior - Integrante.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

2010 - 2010

Universidade de Brasília, UnB

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Monitor, Carga horária: 2

Outras informações:
Monitora da disciplina Materiais de Construção Civil no departamento de Engenharia Civil

2009 - 2009

Universidade de Brasília, UnB

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Monitor, Carga horária: 2

Outras informações:
Monitora da disciplina Materiais de Construção Civil no departamento de Engenharia Civil

2009 - 2009

Universidade de Brasília, UnB

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Monitor, Carga horária: 2

Outras informações:
Monitora da disciplina Hidráulica Experimental no departamento de Engenharia Civil

2008 - 2008

Universidade de Brasília, UnB

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Monitor, Carga horária: 2

Outras informações:
Monitora da disciplina Representação Gráfica para Engenharia Civil no departamento de Engenharia Civil

2008 - 2008

Agência Nacional de Energia Elétrica

Vínculo: Estágio, Enquadramento Funcional: Estagiária, Carga horária: 20

Outras informações:
Atribuições: revisar projetos de estruturas de usinas hidrelétricas; Auxiliar na elaboração de projetos utilizando programas diversos; Acompanhar a análise dos dados do projeto de usinas hidrelétricas

2007 - 2007

Departamento de Polícia Federal

Vínculo: Estágio, Enquadramento Funcional: Estagiária, Carga horária: 20

Outras informações:
Atribuições: Analisar dados de projetos, concluir detalhes de projetos, conferir plantas ou desenhos do projeto e elaborar projetos gráficos.

2011 - Atual

Prime Projetos e Consultoria

Vínculo: Consultora, Enquadramento Funcional: Engenheira Consultora, Carga horária: 30

Outras informações:
Atribuições: Implantação de aproveitamentos hidrelétricos em bacias hidrográficas, estudos de diagnóstico de potenciais hidrelétricos; estudos de inventário hidrelétrico de bacias hidrográficas; estudos de projeto básico de pequenas centrais hidrelétricas; estudos de viabilidade de usinas hidrelétricas e projetos executivos de pequenas centrais hidrelétricas; elaboração de estudos hidrológicos; dimensionamento de estruturas hidráulicas; coordenação de projetos.

2011 - 2011

Prime Projetos e Consultoria

Vínculo: Estágio, Enquadramento Funcional: Engenheira Trainee, Carga horária: 30

Outras informações:
Atribuições: Implantação de aproveitamentos hidrelétricos em bacias hidrográficas, estudos de diagnóstico de potenciais hidrelétricos; estudos de inventário hidrelétrico de bacias hidrográficas; estudos de projeto básico de pequenas centrais hidrelétricas; estudos de viabilidade de usinas hidrelétricas e projetos executivos de pequenas centrais hidrelétricas; elaboração de relatório hidrológico; dimensionamento de estruturas hidráulicas.

2009 - 2011

Prime Projetos e Consultoria

Vínculo: Estágio, Enquadramento Funcional: Estagiária, Carga horária: 20

Outras informações:
Atribuições: Implantação de aproveitamentos hidrelétricos em bacias hidrográficas, estudos de diagnóstico de potenciais hidrelétricos;estudos de inventário hidrelétrico de bacias hidrográficas; estudos de projeto básico de pequenas centrais hidrelétricas; estudos de viabilidade de usinas hidrelétricas e projetos executivos de pequenas centrais hidrelétricas.