Vanessa de Oliveira Almeida

Doutorado sanduíche em Ciências Agrárias pela Universidade Federal do Recôncavo da Bahia e na Bélgica na Universidade de Ghent (2014) e Pós-doutorado na Universidade Federal do Recôncavo da Bahia. Mestrado em Recursos Genéticos Vegetais pela Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (2011). Possui graduação em Engenharia Agronômica pela Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (2008), Participa de Grupos de Pesquisa. Professora da gradução e Ps-Graduação daFaculdade Maria Milza (FAMAM). Assistente de Mestrado do Programa de Mestrado Profissional em Biotecnologia.Tem experiência na área de Engenharia de Alimentos, Bromatologia, Agronomia e Estatística com ênfase em Fitotecnia, atuando principalmente nos seguintes temas: melhoramento de plantas, variabilidade genética, seleção precoce, hidroponia, alumínio tóxico, expressão gênica, marcadores moleculares, produção de mudas, extração de óleo, hidroponia e análises univariada e multivariada, conservação da Biodiversidade. Além de realizar trabalhos de campo,laboratório e extensão, tem experiência em orientação de alunos de graduação e Pós-Graduação.

Informações coletadas do Lattes em 24/06/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em Ciências Agrárias

2011 - 2014

Universidade Federal do Recôncavo da Bahia
Título: Comportamento germinativo, armazenamento de sementes e tolerância da mamoneira ao alumínio
Orientador: em Ghent University ( Stefaan Werbrouck)
com Simone Alves Silva. Coorientador: Stefaan Werbrouck. Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia, FAPESB, Brasil. Palavras-chave: Ricinus communis; Germinação; solução nutritiva.Setores de atividade: Agricultura, Pecuária e Serviços Relacionados.

Mestrado em Recursos Genéticos Vegetais

2009 - 2011

Universidade Federal do Recôncavo da Bahia
Título: Estudos em mirtáceas em quatro municipios do Recôncavo da Bahia,Ano de Obtenção: 2011
Ana Cristina Vello Loyola Dantas.Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia, FAPESB, Brasil. Palavras-chave: Fruteiras; Germinação.

Graduação em Engenharia Agronômica

2002 - 2008

Universidade Federal do Recôncavo da Bahia

Curso técnico/profissionalizante em Técnico em Processamento de Dados

1998 - 2000

Faculdade E Colégio Radial

Ensino Médio (2º grau)

1998 - 2000

Faculdade E Colégio Radial

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Pós-doutorado

2015 - 2016

Pós-Doutorado. , Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, UFRB, Brasil. , Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. , Grande área: Ciências Agrárias

2014 - 2015

Pós-Doutorado. , Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, UFRB, Brasil. , Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. , Grande área: Ciências Agrárias

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2019 - 2019

3º Curso de Redação de Patentes para Pesquisadores da UFRB. (Carga horária: 12h). , Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, UFRB, Brasil.

2019 - 2019

Gastronomia Saudável. (Carga horária: 10h). , Faculdade Maria Milza, FAMAM, Brasil.

2019 - 2019

Patentes. (Carga horária: 4h). , Faculdade Maria Milza, FAMAM, Brasil.

2019 - 2019

Informação tecnológica como estratégia para geração de patentes na Pós-Grad. (Carga horária: 2h). , Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, UFRB, Brasil.

2017 - 2017

Patentes como fonte de informação tecnológica. (Carga horária: 20h). , Instituto Gonçalo Munis - FIOCRUZ, FIOCRUZ, Brasil.

2017 - 2017

Língua portuguesa para concursos. (Carga horária: 4h). , Faculdade Maria Milza, FAMAM, Brasil.

2017 - 2017

Programa de Treinamento no uso do Portal de Periódicos da CAPES. (Carga horária: 3h). , Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.

2017 - 2017

CURRÍCULO LATTES: DA ELABORAÇÃO À MANUTENÇÃO. (Carga horária: 4h). , Faculdade Maria Milza, FAMAM, Brasil.

2017 - 2017

Propriedade Intelectual e Informação Tecnológica, aplicadas a Ciências. (Carga horária: 8h). , Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, UFRB, Brasil.

2016 - 2016

Bioestatística aplicada a saúde. (Carga horária: 8h). , Faculdade Maria Milza, FAMAM, Brasil.

2012 - 2012

Utilização de Recursos para Análise de Dados Aplicados às Ciências Agrárias. (Carga horária: 8h). , Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, UFRB, Brasil.

2011 - 2011

Auto-Cad 2D básico. (Carga horária: 6h). , Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, UFRB, Brasil.

2011 - 2011

Atualização em Fisiologia Vegetal. (Carga horária: 8h). , Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, UFRB, Brasil.

2011 - 2011

Libras. (Carga horária: 6h). , Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, UFRB, Brasil.

2010 - 2010

CorelDraw. (Carga horária: 20h). , Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, UFRB, Brasil.

2010 - 2010

Conservando a Agobiodiversidade junto aos Agricult. (Carga horária: 40h). , Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical, EMBRAPA, Brasil.

2010 - 2010

Fluxo Gênico, Tamanho Efetivo e Estrutura e Genéti. (Carga horária: 40h). , Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, UFRB, Brasil.

2010 - 2010

Produção e Processamento da Mandioca. (Carga horária: 6h). , Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, UFRB, Brasil.

2010 - 2010

Produção de mudas de fruteiras. (Carga horária: 6h). , Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, UFRB, Brasil.

2010 - 2010

Caracterização morfológica e uso de descritores. (Carga horária: 4h). , Congresso Brasileiro de Recursos Genéticos, CBRG, Brasil.

2010 - 2010

Uso de marcadores moleculares na caracterização.... (Carga horária: 4h). , Congresso Brasileiro de Recursos Genéticos, CBRG, Brasil.

2009 - 2009

Anatomia de Plantas. (Carga horária: 40h). , Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, UFRB, Brasil.

2009 - 2009

Caracterização e Conservação de Recursos Géneticos. (Carga horária: 40h). , Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, UFRB, Brasil.

2009 - 2009

Análise Multivariada - Análise de agrupamento e ... (Carga horária: 16h). , Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical, EMBRAPA, Brasil.

2009 - 2009

Nova gramática da língua portuguesa. (Carga horária: 2h). , Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, UFRB, Brasil.

2009 - 2009

Biometria aplicada à genética a ao melhoramento de. (Carga horária: 40h). , Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, UFRB, Brasil.

2008 - 2008

Construção Curriculum Lattes CNPq. (Carga horária: 12h). , FAculdade de Ciência e Tecnologia Albert einstein, FACTAE, Brasil.

2008 - 2008

Ferramentas para a Pesquisa Cientifica. (Carga horária: 15h). , FAculdade de Ciência e Tecnologia Albert einstein, FACTAE, Brasil.

2008 - 2008

Uso e conservação da fauna Brasileira. (Carga horária: 8h). , Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, UFRB, Brasil.

2008 - 2008

Ilustração Botânica. (Carga horária: 4h). , Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, UFRB, Brasil.

2008 - 2008

Propagação de Fruteiras. (Carga horária: 12h). , Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, UFRB, Brasil.

2008 - 2008

I Curso de Coleta de Germoplasma Vegetal. (Carga horária: 40h). , Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical, EMBRAPA, Brasil.

2007 - 2007

Reciclagem de Papel. (Carga horária: 8h). , Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, UFRB, Brasil.

2007 - 2007

Técnicas Básicas de GPS. (Carga horária: 2h). , Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, UFRB, Brasil.

2007 - 2007

Processamento Mínimo de Frutas e Hortaliças. (Carga horária: 2h). , Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, UFRB, Brasil.

2006 - 2006

Relações Hídricas (Fruteiras e Cafeeiro). (Carga horária: 16h). , Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical, EMBRAPA, Brasil.

2006 - 2006

Energias Alternativas. (Carga horária: 8h). , Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, UFRB, Brasil.

2006 - 2006

Manejo Sustentável de Solos. (Carga horária: 8h). , Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, UFRB, Brasil.

2005 - 2005

Turismo Rural. (Carga horária: 8h). , Universidade Federal da Bahia, UFBA, Brasil.

2005 - 2005

Zona Livre de Aftosa. , Universidade Federal da Bahia, UFBA, Brasil.

2005 - 2005

Pós-colheita de flores. (Carga horária: 8h). , Universidade Federal da Bahia, UFBA, Brasil.

2004 - 2004

Resistência Genética de Plantas à Doenças. (Carga horária: 8h). , Universidade Federal da Bahia, UFBA, Brasil.

2003 - 2003

Produção e Comercialização de flores tropicais. (Carga horária: 8h). , Universidade Federal da Bahia, UFBA, Brasil.

2003 - 2003

Fisiologia de pós- colheita de frutas e hortaliças. (Carga horária: 8h). , Universidade Federal da Bahia, UFBA, Brasil.

2003 - 2003

Curso de Inglês - Intermediate (2). , Centro Cultural Americano Inglês Audiovisual Ltda., CCAA, Brasil.

2002 - 2002

Curso de Inglês - Intermediate (1). , Centro Cultural Americano Inglês Audiovisual Ltda., CCAA, Brasil.

2001 - 2001

Inglês Básico -Level 1. (Carga horária: 513h). , Centro Cultural Americano Inglês Audiovisual Ltda., CCAA, Brasil.

2001 - 2001

Comunicação Intensiva de Inglês. (Carga horária: 15h). , Centro Cultural Americano Inglês Audiovisual Ltda., CCAA, Brasil.

2001 - 2001

Curso de Inglês Basico - Level 2. , Centro Cultural Americano Inglês Audiovisual Ltda., CCAA, Brasil.

1998 - 2000

Técnico em Processamanto de Dados. (Carga horária: 1860h). , Faculdades e Colégio Radial, IREP, Brasil.

1999 - 1999

Ìnternet. (Carga horária: 8h). , Faculdades e Colégio Radial, IREP, Brasil.

1998 - 1998

MS-OFFICE. , Faculdades e Colégio Radial, IREP, Brasil.

1998 - 1998

Serviços e Rotinas Administrativas. , Faculdades e Colégio Radial, IREP, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Bandeira representando o idioma Inglês

Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Bem.

Bandeira representando o idioma Português

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Fitotecnia.

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Genética / Subárea: Genética Vegetal.

Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Fitotecnia/Especialidade: Melhoramento Vegetal.

Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Fitotecnia/Especialidade: Produção de Mudas.

Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Fitotecnia/Especialidade: Recursos Genéticos Vegetais.

Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Bromatologia.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

ALMEIDA, V. de O. . XVI SEP - Seminário Estudantil de Pesquisa e Extensão da FAMAM. 2019. (Outro).

ALMEIDA, V. de O. . Curso Nanotecnologia: conceitos, aplicações e desafios biotecnológicos. 2019. (Outro).

SILVA, E. R. ; GOMES, A. F. ; BORGES, A. J. S. ; PINHEIRO, A. A. F. ; NASCIMENTO, A. S. ; ALBUQUERQUE, A. F. A. ; JACOBI, C. C. B. ; SANTOS, D. S. ; RODRIGUES, F. M. ; NEVES, G. A. O. ; PALUCH, L. R. B. ; CARVALHO, M. J. S. ; MESQUITA, P. R. R. ; SAMPAIO, R. S. ; MELO, R. L. ; CARVALHO, S. R. L. ; OLIVEIRA, T. A. S. ; ALMEIDA, V. de O. ; OLIVEIRA, V. J. dos S. ; SOARES FILHO, W. S. ; SEREJO, J. A. S. ; ALMEIDA, W. A. B. ; SANTOS, J. A. G. . III SIMPÓSIO INTERNACIONAL DA FAMAM. 2018. (Outro).

Almeida, Vanessa de Oliveira . CCA 518- Seminário I em Ciências Agrárias (2014.2). 2014. (Outro).

ALMEIDA, V. de O. . I Simpósio da Rede de Recursos Genéticos Vegetais. 2013. (Outro).

ALMEIDA, V. de O. ; Magistra UFRB. 2010. (Exposição).

ALMEIDA, V. de O. . III Seminário de pesquisa do Recôncavo da Bahia/ III Seminário estudantil de pesquisa pesquisa da UFRB/ III Seminário de pós-graduação da UFRB. 2009. (Outro).

ALMEIDA, V. de O. ; Fiscal no processo seletivo da Universidade Federal da Bahia. 2009. (Concurso).

ALMEIDA, V. de O. . II Seminário de Pesquisa do Recôncavo da Bahia / II Seminário Estudantil de Pesquisa/ II Seminário de Pós-Graduação. 2008. (Congresso).

ALMEIDA, V. de O. . Curso de Propagação de Fruteiras. 2008. (Outro).

ALMEIDA, V. de O. . Fórum Pró- Igualdade Racial e Inclusão Social do Recôncavo. 2007. (Outro).

ALMEIDA, V. de O. . I Seminário de Pesquisa do Recôncavo da Bahia. 2007. (Outro).

ALMEIDA, V. de O. . II SIIC - Seminário Interno de Iniciação Científica. 2007. (Outro).

ALMEIDA, V. de O. . V Seminário Estudantil de Pesquisa de Agronomia. 2005. (Outro).

ALMEIDA, V. de O. . III Semana Atualização Agronômica - Perspectivas do Agronegócio no Nordeste. 2003. (Outro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

III Academic Coffee.Caminhos para a iniciação científica em contabilidade. 2019. (Outra).

V Jornada de Saúde.Vários. 2019. (Outra).

V RECONCITEC.Outros. 2019. (Outra).

XVI SEP - Seminário Estudantil de Pesquisa e Extensão da FAMAM.Vários. 2019. (Seminário).

Seminário de Propriedade Intelectual e Biotecnologia do Recôncavo. 2018. (Seminário).

XII SEMINÁRIO ESTUDANTIL DE PESQUISA, INOVAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO E III SIMPÓSIO DE EXTENSÃO (XII SEPIP).varios. 2018. (Seminário).

XV SEP ? Seminário Estudantil de Pesquisa e Extensão da FAMAM.Vários. 2018. (Seminário).

8 Jornada de Saúde.gdgdfg. 2017. (Outra).

III Simpósio de Rede de Recursos Genéticos Vegetais do Noreste.Avaliação do Ciclo vegetativo de linahgens de Ricinus communis L.. 2017. (Simpósio).

IV RECONCITEC.IDENTIFICAÇÃO DE LINHAGENS ELITES DE MAMONEIRA TOLERANTES E SENSÍVEIS AO ALUMÍNIO TÓXICO PARA ANÁLISE DE EXPRESSÃO GÊNICA. 2017. (Seminário).

XIV Seminário Estudantil de Pesquisa e Extensão da FAMAM. 2017. (Seminário).

XIV Seminário Estudantil de Pesquisa e Extensão da FAMAM.varios. 2017. (Seminário).

Centro de Informação de Medicamentos: Ferramenta de apoio ao uso racional de medicamentos. 2016. (Outra).

Dia do Nutricionista. 2016. (Encontro).

XIII Seminário Estudantil de Pesquisa e Extensão da FAMAM ).Levantamento de cinco mirtáceas no município de Sapeaçu -BA. 2016. (Seminário).

10° SIRGEALC - 10° Simpósio de Recursos Genéticos para a América Latina e o Caribe.CARACTERIZAÇÃO DE LINHAGENS DE MAMONEIRA. 2015. (Simpósio).

I Workshop Internacional: potencial biotecnológico de espécies vegetais e de microorganismos,.COMPARAÇÃO DE 18 LINHAGENS ELITES DE MAMONEIRA POR MARCADOR MOLECULAR ISSR PARA IDENTIFICAÇÃO DE DIVERGENTES E COMO FONTES DE HIBRIDAÇÕES. 2015. (Outra).

I Workshop Internacional: potencial biotecnológico de espécies vegetais e de microorganismos,. 2015. (Outra).

1ª Semana de Atualização em Ciências Agrárias, Ambientais e Biológicas (1ª SECAB).Índice de redução de raízes de mamoneira submetidas ao alumínio tóxico. 2014. (Outra).

1ª Semana de Atualização em Ciências Agrárias, Ambientais e Biológicas (1ª SECAB). 2014. (Outra).

III Reunião Anual de Ciência, Tecnologia, Inovação e Cultura no Recôncavo da Bahia - III RECONCITEC. 2014. (Outra).

III Reunião Anual de Ciência, Tecnologia, Inovação e Cultura no Recôncavo da Bahia - III RECONCITEC.PALESTRA: Experiências vivenciadas por discentes de graduação e pós-graduação. 2014. (Outra).

I Simpósio da Rede de Recursos Genéticos Vegetais.Influência da temperatura na germinação de sementes de Ricinus communis L.. 2013. (Simpósio).

5 Congresso da Rede Brasileira de Tecnologia de Biodisel e 8 Congresso Brasileiro de Plantas Oleaginosas, Óleos, Gorduras e Biodisel. Correlação fenotípica entre caracteres agronômicos em genótipos pertencentes a população avançada de mamoneira. 2012. (Congresso).

II Congresso Brasileiro de Recursos Genéticos Vegetais. Diversidade Genetica em populações de Jambeiro de quatro municípios do recôncavo da Bahia estimada por analise multivariada. 2012. (Congresso).

II Reconcitec - Reunião Anual de Ciência, Tecnologia, Inovação e Cultura no Recôncavo da Bahia.Influência da temperatura e do genótipo na germinação de sementes de mamona. 2012. (Outra).

I Reunião Anual de Ciência, Tecnologia, Inovação e Cultura no Recôncavo da Bahia ? I RECITEC. 2011. (Outra).

I Reunião Anual de Ciência, Tecnologia, Inovação e Cultura no Recôncavo da Bahia ? I RECITEC.Genótipos de mamoneira superiores quanto ao peso de sementes por planta, teor de óleo na semente e tolerância ao alumínio tóxico do solo. 2011. (Outra).

I Congresso Brasileiro de Recursos Genéticos. 2010. (Congresso).

I Congresso Brasileiro de Recursos Genéticos. Vários trabalhos foram apresentados. 2010. (Congresso).

Reunião Regional da SBPC no Recôncavo da Bahia.varios trabalhos foram apresentados. 2010. (Outra).

XXI Congresso Brasileiro de Fruticultura. CORRELAÇÕES ENTRE CARACTERES FÍSICOS DE UMBU-CAJAZEIRA PROVENIENTES DO SEMIÁRIDO DA BAHIA. 2010. (Congresso).

XXI Congresso Brasileiro de Fruticultura. GERMINAÇÃO DE GENÓTIPOS DE JAMBO-VERMELHO (SYZYGIUM MALACCENSE ( L.) PROVENIENTES DE TRÊS MUNICÍPIOS DO RECÔNCAVO BAHIA. 2010. (Congresso).

XXI Congresso Brasileiro de Fruticultura. VARIABILIDADE MORFOLÓGICA DE GENÓTIPOS SELECIONADOS DE UMBU-CAJAZEIRA DA REGIÃO SEMIÁRIDA DA BAHIA. 2010. (Congresso).

XXI Congresso Brasileiro de Fruticultura. CARACTERIZAÇÃO FÍSICA DE FRUTOS DE CIRIGUELEIRAS (Spondias purpurea L.) NO SEMIÁRIDO DA BAHIA. 2010. (Congresso).

XXI Congresso Brasileiro de Fruticultura. AVALIAÇÃO DO EFEITO DE DIFERENTES SUBSTRATOS SOBRE O CRESCIMENTO DE PLANTAS DE TAMARINDEIRO. 2010. (Congresso).

XXI Congresso Brasileiro de Fruticultura. ENXERTIA DE ACESSOS DE UMBU-CAJAZEIRA (Spondia sp.) SOB PORTA-ENXERTO DE UMBUZEIRO (Spondias tuberosa ARR. CAM.). 2010. (Congresso).

XXI Congresso Brasileiro de Fruticultura. GERMINAÇÃO DE GENÓTIPOS DE JAMBO-VERMELHO (SYZYGIUM MALACCENSE ( L.) PROVENIENTES DE TRÊS MUNICÍPIOS DO RECÔNCAVO BAHIA. 2010. (Congresso).

XXI Congresso Brasileiro de Fruticultura. CARACTERIZAÇÃO QUÍMICA E FÍSICO-QUÍMICA DE GENÓTIPOS DE CIRIGUELEIRA DO MUNICÍPIO DE CRUZ DAS ALMAS ? BAHIA. 2010. (Congresso).

XXI Congresso Brasileiro de Fruticultura. ENRAIZAMENTO DE ESTACAS SEMI-LENHOSAS DE UMBU-CAJAZEIRA. 2010. (Congresso).

XXI Congresso Brasileiro de Fruticultura. EMERGÊNCIA DE PLÂNTULAS DE TAMARINDEIRO APÓS ARMAZENAMENTO DAS SEMENTES EM AMBIENTE REFRIGERADO. 2010. (Congresso).

XXI Congresso Brasileiro de Fruticultura. CLASSIFICAÇÃO DE JAMBO VERMELHO PARA CONSUMO IN NATURA. 2010. (Congresso).

XXI Congresso Brasileiro de Fruticultura. RESPOSTA MORFOGÊNICA EM DIFERENTES TIPOS DE EXPLANTES DE UMBU-CAJAZEIRA (Spondias spp) CULTIVADOS IN VITRO.. 2010. (Congresso).

XXI Congresso Brasileiro de Fruticultura. VARIABILIDADE GENÉTICA EM JAQUEIRA DO TIPO DURA POR MEIO DE MARCADOR MOLECULAR. 2010. (Congresso).

5 Congresso Brasileiro de Melhoramento de Plantas. Características Físicas, Químicas e Físico-quimicas de Frutos de Populações de umbucajazeira do Semiárido da Bahia: Primeiro Ano. 2009. (Congresso).

III Seminário de pesquisa do Recôncavo da Bahia/ III Seminário estudantil de pesquisa pesquisa da UFRB/ III Seminário de pós-graduação da UFRB. 2009. (Seminário).

III Seminário de pesquisa do Recôncavo da Bahia/ III Seminário estudantil de pesquisa pesquisa da UFRB/ III Seminário de pós-graduação da UFRB.Vários trabalhos foram apresentados. 2009. (Seminário).

I Seminário Microempreendedor Individual. 2009. (Seminário).

XII Congresso Brasileiro de Fisiologia Vegetal. 2009. (Congresso).

XII Congresso Brasileiro de Fisiologia Vegetal. Vários trabalhos foram apresentados. 2009. (Congresso).

1° Semana Universitária da FACTAE. 2008. (Outra).

1 Encontro das Escolas Agrotécnicas Federais da Bahia e Sergipe e 1 Exposição da Educação Profissional realizado na EAF-CATU. 2008. (Outra).

III Encontro da Rede de Recursos Genéticos Vegetais da Bahia e do II Simpósio de Recursos Genéticos de plantas Cultivadas no Nordeste Brasileiro.Caracterização quimica e fisico-quimica de frutos de umbu-cajazeira do semi-árido da Bahia por meio de análise multivarida. 2008. (Encontro).

III Seminário Interno de Iniciação Cientifica do CCAAB.Caracterização de Génotipos de Jaqueira no Recôncavo Baiano. 2008. (Seminário).

II Seminário de Extensão da UFRB.Valorização do Conhecimento de Comunidades Rurais da Região do Recôncavo Bahia em Pesquisa Paticipativa na Cultura da Jaqueira. 2008. (Seminário).

II Seminário de Pesquisa do Recôncavo da Bahia / II Seminário Estudantil de Pesquisa/ II Seminário de Pós-Graduação.Caracterização de frutos e genótipos de jaqueira no Recôncavo Baiano. 2008. (Seminário).

II Simpósio de Educação Ambiental.Produção de mudas de jaqueira em função da época de enxertia e do tipo de garfo. 2008. (Simpósio).

Semana Nacional de Ciência & Tecnologia 2008 da UFRB.Grupo de Pesquisa Fruticultura Tropical. 2008. (Outra).

XX Congresso Brasileiro de Fruticultura. 2008. (Congresso).

XX Congresso Brasileiro de Fruticultura. várias apresentações. 2008. (Congresso).

1 Simpósio Baiano de Educação Ambiental.Comportamento do herbicida trifluralina no desenvolvimento de plantas de mamona. 2007. (Seminário).

1 Simpósio Baiano de Educação Ambiental.Impacto do Herbicida Alachlor sobre a Qualidade Fisiológica de Sementes de Mamona. 2007. (Simpósio).

1 Simpósio Baiano de Educação Ambiental. 2007. (Simpósio).

1 Simpósio Baiano de Educação Ambiental.Multiplicação Assexuada de Genótipos de Jenipapeiro por Enxertia. 2007. (Simpósio).

Ética em Pesquisa. 2007. (Outra).

II SIIC - Seminário Interno de Iniciação Científica.Época de enxertia e tipo de garfo para produção de mudas de jenipapeiro. 2007. (Seminário).

II SIIC - Seminário Interno de Iniciação Científica. 2007. (Seminário).

I Seminário de Pesquisa do Recôncavo da Bahia/ I Seminário Estudantil de Pesquisa/ I Seminário de Pós-Graduação.Época de enxertia e tipo de garfo para propagação vegetativa de jenipapeiro. 2007. (Seminário).

I Seminário Estudantil de Pesquisa do Recôncavo. 2007. (Seminário).

IV Seminário de Turismo Rural da Bahia - III Fórum Brasileiro de Turismo Rural. 2007. (Seminário).

Propriedade Intelectual -Principios Básicos. 2007. (Oficina).

Semana Nacional de Ciência e Tecnologia.Difusão de tecnologia em fruticultura tropical. 2007. (Outra).

I Semana de Ciências Agrárias, Ambientais e Biológicas. 2006. (Seminário).

I SIIC - Seminario Interno de Iniciação Cientifica da UFRB.Germinação de sementes de jenipapo com diferentes umidades submetidas a armazenamanto e embebição. 2006. (Seminário).

I SIIC - Seminário Interno de Iniciação Cientifica da UFRB. 2006. (Seminário).

Semana Nacional de Ciência e Tecnologia 2006 da UFRB.Semana de Literatura Científica no Recôncavo Baiano. 2006. (Outra).

XXV Seminário Estudantil de Pesquisa.Germinação de sementes de jenipapo com diferentes umidades submetidas a armazenamento e embebição. 2006. (Seminário).

XXV Seminário Estudantil de Pesquisa.Desenvolvimento de mudas de jenipapeiro enxertadas em diferentes substratos. 2006. (Seminário).

VII ENCOBIO - Encontro de Biologia. Biosfera: o palco da evolução da vida.Germinação e desenvolvimento inicial de plantas de pitombeira em função do teor de água nas sementes. 2005. (Encontro).

V Semana Atualização Agronomica - Potencial Produtivo do Recôncavo Baiano. 2005. (Seminário).

V Seminário Estudantil de Pesquisa de Agronomia.Produção de porta-enxerto de jaqueira em diferentes substratos. 2005. (Seminário).

X Congresso Brasileiro de Fisiologia Vegetal e XII Congresso Latino Americano de Fisiologia Vegetal. Germinação e crescimento de mudas de pitombeira provenientes de sementes com diferentes umidades. 2005. (Congresso).

X Congresso Brasileiro de Fisiologia Vegetal e XII Congresso Latino Americano de Fisiologia Vegetal. Germinação de sementes de jenipapeiro submetidas a pré- embebição em reguladores e estimulante vegetal. 2005. (Congresso).

X Congresso Brasileiro de Fisiologia Vegetal e XII Congresso Latino Americano de Fisiologia Vegetal. Germinação e desenvolvimento inicial de plantas de pitombeira em função do teor de água nas sementes. 2005. (Congresso).

XXIV Seminário Estudantil de Pesquisa e VI Seminário de pesquisa e Pós-Graduação.Dois trabalhos foram apresentados em forma de poster. 2005. (Seminário).

IV Semana Atualização Agronômica. 2004. (Seminário).

IV Seminário Estudantil de Pesquisa de Agronomia.Caracterização Física de Genótipos de Pinheira em Presidente Dutra -Ba. ETAPA III. 2004. (Seminário).

XXIII Seminário estudantil de Pesquisa e V Seminário Estudantil de Pesquisa.Caracterização Física de Genótipos de Pinheira em Presidente Dutra-BA Etapa III. 2004. (Seminário).

XXIII Seminário estudantil de Pesquisa e V Seminário Estudantil de Pesquisa.Caracterização Física de Genótipos de Pinheira em Presidente Dutra-BA Etapa III. 2004. (Seminário).

III Semana Atualização Agronômica - Perspectivas do Agronegócio no Nordeste. 2003. (Seminário).

Segurança Alimentar e Inclusão Social. 2003. (Outra).

I Seminário de Integ. do cooperativismo e Revit, da Citricultura do Rec. Baiano. 2002. (Seminário).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

Aluno: Karla Florence Palma de OLiveira Santos

ALMEIDA, V. de OSANTOS, L. A. dos S.OLIVEIRA, V. J. dos S.. Levantamento e Bioensaio In Vitro de plantas medicinais como alternativa para o combate das larvas de Aedes aegypti (DIPTERA:CULICIDAE). 2020. Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Jaciene Lopes de Jesus

ALMEIDA, V. de O.; SASAKI, F. F. C.;OLIVEIRA, V. J. dos S.. Controle da antracnose in vitro e nos frutos de mamoeiro com o uso de extrato foliar de mamão. 2019. Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Joelson Silva

BRITO, N. M.; MIRANDA, L. D. P.;ALMEIDA, V. de O.. Utilização de extratos vegetais no controle de Fusarium guttiforme na cultura do Abacaxi. 2018. Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Camila Torres da Paz

CASTRO, I. C. V.; SANTOS, A. N. S.;ALMEIDA, V. de O.. Fatores associados às cirurgias cesarianas em uma maternidade pública do estado da Bahia: um diagnóstico situacional. 2018. Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Marcus Vinícius Fraga Lobo

BORGES, A. J. S.; DIAS, C. M. R.;ALMEIDA, V. de O.. Avaliação da resistência a compressão axial do concreto produzido com agregado graúdo de resíduos reciclados da construção civil e demolição. 2018. Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Poliana dos Santos Pereira da Silva

DANTAS, A. C. V. L.ALMEIDA, V. de O.. Características de madeira e divergência genética em fruteira-pão (Artocrpus altillis variedade seminífera) da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia. 2018. Dissertação (Mestrado em Recursos Genéticos Vegetais) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.

Aluno: Karla Klarto Carvalho Correia

HADDAD, F.; CARDOSO, C. E. L.;ALMEIDA, V. de O.. Análise de custos das diferentes práticas e tecnologias para manejo do mal-do-Panamá da bananeira no município de Jaiba-MG. 2018. Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Emanoel Divino da Silva Junior

NEVES, G. A. O.; FERREIRA, A. F.;ALMEIDA, V. de O.. Determinação de resíduos de agrotóxicos e análise palinológica do mel de Apis mellitera L. (Hymenoptera: Apidae). 2018. Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Nei Fábio do Nascimento Andrade

GOMES, A. F.; MIRANDA, F. S. M.;Almeida, Vanessa de Oliveira. Políticas públicas e qualidade de vida: um estudo sobre o PRONAF Floresta aplicado aos produtores de Eucalipto de Ubaíra. 2018. Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Eliete Serra RODRIGUES

BRITO, N. M.; ALMEIDA, W. A. B.;Almeida, Vanessa de Oliveira. Etnobotânica e atividade antimicrobiana de espécies medicinais em comunidades do Município de Cabaceiras do Paraguaçu -BA. 2017. Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Kaliane Gomes Leal Machado

NEVES, G. A. O.; SILVA, S. M. P. C.;ALMEIDA, V. de O.. Elaboração de barra de cereal sem glúten a partir da farinha da entrecasca de melancia. 2017. Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Max Williams Ribeiro Cardoso

NEVES, G. A. O.; CARVALHO, C. A. L.; ALMEIDA, V. O.. Eficiência das abelhas sociais Melipona scutellaris na polinização de minimelancia em ambiente protegido no Recôncavo Sul da Bahia. 2017. Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Andrea dos Santos de Souza

OLIVEIRA, V. J. dos S.; REIS, R. C.;Almeida, Vanessa de Oliveira. Caracterização de farinhas de bananas e plátanos verdes para consumo e produção de pão de forma. 2017. Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Saulo Almeida Sousa

DE CARVALHO, G. G. P.; MORAES, S. A.; TOSTO, M. S. L.; PIRES, A. J. V.;Vanessa de Oliveira Almeida. Comportamento de cultivares e qualidade de silagens de girassol. 2016. Tese (Doutorado em Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Zootecnia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.

Aluno: Vlademir Silva

SILVA, S. A.; SILVA, S.O.; MORAIS, J. C. de C.;SANTOS, L. A. dos S.Vanessa de Oliveira Almeida. Divergência genética, interação G x E, adaptabilidade e estabilidade de linhagens e cultivares de mamoneira no estado da Bahia. 2016. Tese (Doutorado em Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Zootecnia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.

Aluno: Vlademir Silva

SILVA, S.O.; MORAIS, J. C. de C.;ALMEIDA, V. de O.. Adaptabilidade e establidade de linhagens elites de mamona no estado da Bahia. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Agrárias) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.

Aluno: Hemmilly Lemos Alvarenga

ALMEIDA, V. de O.; ALMEIDA, T. A.; MESQUITA, P. R. R.. Plano de implementação de gerenciamento de resíduo placentário em hospitais/maternidade de um município do Recôncavo da Bahia. 2019. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado Profissional em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Antonia Maria Espirito Santo

Vanessa de Oliveira Almeida; VALENTIM, A. C. S.; PINHEIRO, A. A. F.. Qualidade da água utilizada na irrigação de hortaliças no povoado de Calu, Alagoinhas -BA e os impactos na saúde. 2019. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado Profissional em Biotecnologia) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Fernanda da Silva Fonsêca

OLIVEIRA, V. J. dos S.; SANTOS, R. M. M.;ALMEIDA, V. de O.. Bioprospecção da atividade antifúngica in vitro de plantas medicinais para preparo de forma farmacêutica de uso tópico. 2019. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado Profissional em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Josiene de Souza Almeida Oliveira

ALMEIDA, V. de O.; MIRANDA, F. S. M.; GOMES, A. F.. Perfil socioeconômico e condições de trabalho dos membros da Associação de Catadores De Resíduos Recicláveis Do Recôncavo Baiano- ACRB. 2019. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado Profissional em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Andrea Cerqueira Barreto

OLIVEIRA, V. J. dos S.; SANTOS, R. M. M.;ALMEIDA, V. de O.. Uso de plantas medicinais e fitoterápicos no contexto da Atenção Básica na promoção de saúde. 2019. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado Profissional em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Maria Celízia Silva dos Reis

AVILA, L. S. D.; MOREIRA, R. F. C.;ALMEIDA, V. de O.. Discriminação de linhagens de mamoneira quanto a resistência ao mofo cinzento por meio de caracteres fenotípicos e marcador molecular TRAP. 2019. Exame de qualificação (Mestrando em Ciências Agrárias) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.

Aluno: Magno Andrade dos Santos

SOLEDADE, K. R.; CRUZ, S. S.;Vanessa de Oliveira Almeida. Fatores ambientais comuns na relação entre síndrome metabólica e doenças periodontais: um olhar no controle de doenças. 2019. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado Profissional em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Joelson Silva

BRITO, N. M.;Almeida, Vanessa de Oliveira; BORGES, A. J. S.. Utilização de extratos vegetais no controle do Fusarium guttiforme na cultura do abacaxi no município de Coração de Maria-BA. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado Profissional em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Iverlan da Silva Almeida

MESQUITA, P. R. R.; OLIVEIRA, F. S.;ALMEIDA, V. de O.. Reaproveitamento agroindustrial da farinha de semente de jaca (Aetocarpus heterophyllus Lam.) como possível substituinte da aveia na elaboração de cereais. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado Profissional em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: KarlaFlorence de Oliveira Santos

NEVES, G. A. O.; SANTANA, L. L. B.;ALMEIDA, V. de O.. Efeito dos extratos vegetais para controle de Aedes aegypti (Dipera:Clidae) no Recôncavo baiano. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado Profissional em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Gabriella Silva Oliveira Souza

ALMEIDA, W. A. B.; COSTA, M. A. P. C.;ALMEIDA, V. de O.. Multiplicação e conservação in vitro da planta medicinal de interesse do SUS: Aloe vera L.. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado Profissional em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Joelson Silva

BRITO, N. M.;Almeida, Vanessa de Oliveira; BORGES, A. J. S.. Utilização de extratos vegetais no controle do Fusarium guttiforme na cultura do abacaxi no município de Coração de Maria-Ba. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado Profissional em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Tamiles Pereira dos Santos

BRITO, N. M.;ALMEIDA, V. de O.. Análise de bulas e rótulos de medicamentos fitoterápicos à base de Mikania glomerata sprengel (guaco) no município de Muritiba - BA. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Taíse Costa da Silva

BRITO, N. M.;ALMEIDA, V. de O.. Aspectos clínicos e epidemiológicos da doença de Chagas no Brasil: uma revisão integrativa. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Adeliane Gomes Santos de Souza

Vanessa de Oliveira Almeida; REBOUCAS, L. T.;SANTOS, L. A. dos S.. Percepção do consumidor sobre os alimentos transgênicos no município de Sapeaçu- BA. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Nutrição) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Tamilis Pereira dos Santos

Vanessa de Oliveira AlmeidaOLIVEIRA, V. J. dos S.; BRITO, N. M.. Analise de rótulos de medicamentos fitoterápicos à base de guaco (Mikania glomerata Sprengel) no Municipio de Muritiba-BA. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Taíse Costa da Silva

ALMEIDA, V. de O.OLIVEIRA, V. J. dos S.; BRITO, N. M.. Aspectos clínicos e epidemiológicos da doença de Chagas no Brasil: uma revisão sistemática. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Ramaiana dos Santos de Jesus

OLIVEIRA, V. J. dos S.; LORDELO, C. V.;ALMEIDA, V. de O.. AVALIAÇÃO in vitro DO POTENCIAL ANTIBACTERIANO DOS EXTRATOS HIDROALCOOLICOS DE Stryphnodendron adstringens (BARBATIMÃO), Moringa oleífera (MORINGA), Schinus terebinthifolius (AROEIRA), FRENTE À microorganismos de interesse clinico. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Alsileia Serra da Silva

CRAVO, A. C. O.; LORDELO, E. R.;ALMEIDA, V. de O.. As aplicabilidades da Tomografia computadorizada de feixe cônico na odontologia: Uma revisão de literatura. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Técnico em Radiologia) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Jefferson de Jesus Araújo

CRAVO, A. C. O.; LORDELO, E. R.;ALMEIDA, V. de O.. índice de radiografias rejeitadas em um hospital regional do recôncavo baiano. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Técnico em Radiologia) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Inês Candice Rodrigues da Silva

OLIVEIRA, L. M.;ALMEIDA, V. de O.. Estudo sobre a implementação de uma farmácia satélite em uma unidade hospitalar do Recôncavo Baiano. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Taíse do Amor Divino

DANTAS, A. C. V. L.ALMEIDA, V. de O.; CARDOSO, R. L.. Utiização da farinha de fruta-pão (Artocarpus altilis var. apyrena) na fabricação de nhoque. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.

Aluno: Bárbara Conceição Menezes de Oliveira

BRITO, N. M.;ALMEIDA, V. de O.. Análise da rotulagem de alimentos diet e light comercializados em supermercados varejistas no município de Cachoeira-BA. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Nutrição) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Taila Velame Castro

ALMEIDA, V. de O.OLIVEIRA, V. J. dos S.NEVES, C. G.. Análise sensorial do pão sem glúten elaborado a base da farinha de araruta e enriquecido com a farinha do bagaço da laranja. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Nutrição) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Ediele da Silva Barreto

ANDRADE, C. R. B.; SOUZA, J. L.;ALMEIDA, V. de O.. Avaliação da atividade larvicida dos extratos de Zanthoxylum caribaeum (Rutaceae) e Asemeia ovata (Polygalaceae). 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: SILVANA CARLA VIEIRA DE ARAGÃO

OLIVEIRA, L. M.; RODRIGUES, C. I.;ALMEIDA, V. de O.. Triagem fitoquímica e avaliação da toxicidade do extrato bruto da folha de Iresine herbstii. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Géssika Oliveira de Sousa

ANDRADE, C. R. B.; RODRIGUES, C. I.;ALMEIDA, V. de O.. Avaliação da atividade antimicrobiana e perfil químico do extrato de sisal (Agave sisalana Perrine).. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Dyeise dos Anjos Santos

KOTWISKI, F. O.;PALUCH, L. R. B.ALMEIDA, V. de O.. Avaliação da estabilidade do ácido ascórbico gotas 200mg/mL após abertura do frasco. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Aline Conceição Santiago

MESQUITA, P. R. R.; RODRIGUES, F. M.;ALMEIDA, V. de O.. Uso de repelentes naturais como estratégia de controle do Aedes aegypti: uma revisão de literatura. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Alessandra Cerqueira Figueiredo

ALMEIDA, V. de O.OLIVEIRA, V. J. dos S.; KOTWISKI, F. O.. Farmacoterapia: Pacientes senis com Alzheimer em lares de idosos. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Bruno Freitas Mercês

ALMEIDA, V. de O.; KOTWISKI, F. O.; OLIVEIRA, G. A. F.. Armazenamento e descarte de medicamentos nas residências no bairro Urbis II em Santo Antônio de Jesus-Ba. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Paula Andrade Ferreira

ALMEIDA, V. de O.; BRITO, N. M.; OLIVEIRA, G. A. F.. Análise microbiológica da água de coco comercializada na cidade de Santo Antônio de Jesus-BA. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Jamile Cruz Fernandes

CARVALHO, H. L.; SILVA, J. J.;ALMEIDA, V. de O.. Caracterização físico-química e aceitação sensorial de dois genótipos de abacaxi submetidos a diferentes tratamentos. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Fabíola dos Santos Andrade

CARVALHO, H. L.; SILVA, J. J.;ALMEIDA, V. de O.. O uso de plantas medicinais e fitoterápicos em unidades do SUS em um município do Recôncavo Baiano. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Isael da Silva Nonato

OLIVEIRA, T. A. S.; BRITO, N. M.;ALMEIDA, V. de O.. Efeito antibacteriano do óleo essencialde Mentha piperita L.sobre a Escherichia coli. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Laurenço

KOTWISKI, F. O.; BRITO, N. M.;ALMEIDA, V. de O.. Análise de bulas e rótulos de medicamentos fitoterápicos a base de Tamarindus indica L.. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Ariane Silva dos Santos

ALMEIDA, V. de O.; ANDRADE, C. R. B.; MESQUITA, P. R. R.. Avaliação da percepção da equipe multidisciplinar no acompanhamento dietoterápico do paciente. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Haline Hellen Santana Couto

ALMEIDA, V. de O.; SILVA, E. C.; MESQUITA, P. R. R.. Controle estatístico de processo: aplicação á produçãode medicamentos na forma de comprimidos em uma industria farmacêutica. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Luise Nogueira Souza

Almeida, Vanessa de Oliveira; MESQUITA, P. R. R.; LORDELO, C. V.. Análise microbiologia em bebedouros de escolas públicas do município de Cruz das Almas, Bahia. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Paula Andrade Ferreira

ALMEIDA, V. de O.; GUEDES, C. E. S.; BRITO, N. M.. Análise microbiológica da água de coco in natura comercializada na cidade de Santo Antonio de Jesus-Ba. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Bruno Freitas Mercês

ALMEIDA, V. de O.; GUEDES, C. E. S.; OLIVEIRA, G. A. F.. Armazenamento e descarte de medicamentos nas residências no bairro Urbis II em Santo Antônio de Jesus-Ba. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Laiana Barreto de Almeida

LORDELO, C. V.; MESQUITA, P. R. R.;ALMEIDA, V. de O.. Infecções do trato urinário: agentes etiológicos e sensibilidade aos antimicrobianos. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Thaís Lima de Oliveira

MESQUITA, P. R. R.;OLIVEIRA, V. J. dos S.ALMEIDA, V. de O.. Uso de plantas medicinais utilizadas por idosos em três bairros do município de Conceição do Almeida-BA. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Aline de Conceição Santiago

MESQUITA, P. R. R.; OLIVEIRA, G. A. F.;ALMEIDA, V. de O.. Uso de repelentes naturais como estratégia de controle do Aedes aegypti: uma revisão de literatura. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Jean Freitas Carilo

MESQUITA, P. R. R.; CARVALHO, H. L.;ALMEIDA, V. de O.. Avaliação da Composição química de Vernonia condensata Baker cultivada in vitro em concentrações de benzilaminopurina. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Flavia Dias Santos

GUEDES, C. E. S.; BRITO, N. M.;ALMEIDA, V. de O.. Uso de extrato aquoso de folhas e sementes de mamoeiro (Carica papaya L.) no controle in vitro de Colletotrichum gloeosporioides. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Tanaildes Souza Nery

MESQUITA, P. R. R.;OLIVEIRA, V. J. dos S.Almeida, Vanessa de Oliveira. Levantamento etnobotânico no Bairro de Calabar em Santo Antônio de Jesus-Ba. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Luise Nogueira Souza

MESQUITA, P. R. R.;Almeida, Vanessa de Oliveira; SANTOS, M. S.. Análise Microbiológica da Água de Coco Industrializada na Cidade de Santo Antônio de Jesus-BA. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Alessandra Cerqueira Figueiredo

MESQUITA, P. R. R.;Almeida, Vanessa de Oliveira; KOTWISKI, F. O.. Farmacoterapia: caso de pacientes idosos com Alzheimer do lar dos idosos em Santo Antônio de Jesus, Bahia. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia) - Faculdade Maria Milza.

Aluno: Crislane Santos Silva das Neves

RIBAS, R. F.; QUEIROZ, D. C.;ALMEIDA, V. de O.. Caracterização fotossintética de cultivares de mamoneira sob condições de baixa altitude. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Biologia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.

Vanessa de Oliveira Almeida. Disciplina: Ressonância Magnética. 2019. Faculdade Maria Milza.

ALMEIDA, V. de O.. I Seminário de Desenvolvimento Regional e Sustentabilidade (SEDRES). 2019. Faculdade Maria Milza.

ALMEIDA, V. de O.. XVI SEP - Seminário Estudantil de Pesquisa e Extensão da FAMAM. 2019. Faculdade Maria Milza.

ALMEIDA, V. de O.. XVI SEP - Seminário Estudantil de Pesquisa e Extensão da FAMAM. 2019. Faculdade Maria Milza.

ALMEIDA, V. de O.. XVI SEP - Seminário Estudantil de Pesquisa e Extensão da FAMAM. 2019. Faculdade Maria Milza.

ALMEIDA, V. de O.. XVI SEP - Seminário Estudantil de Pesquisa e Extensão da FAMAM. 2019. Faculdade Maria Milza.

Vanessa de Oliveira AlmeidaOLIVEIRA, V. J. dos S.; BRITO, N. M.. Aspesctos clínicos e epidemiológicos da doença de Chagas no Brasil: uma revisão sistemática. 2019. Faculdade Maria Milza.

Almeida, Vanessa de Oliveira. Efeito do tempo de desinfestação de gemas axilares de babosa (Aloe Vera L.). 2016. Faculdade Maria Milza.

Almeida, Vanessa de Oliveira. Caracterização físico-química e nutricional da polpa e farinha da casca de melancia convencional e minimelancia no Recôncavo Sul da Bahia. 2016. Faculdade Maria Milza.

ALMEIDA, V. de O.. I Workshop Internacional: potencial biotecnológico de espécies vegetais e de microorganismos. 2015. Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.

ALMEIDA, V. de O.. Avaliadora dos trabalhos científicos, no formato Oral, apresentados na III Reunião Anual de Ciência, Tecnologia, Inovação e Cultura no Recôncavo da Bahia - III RECONCITEC. 2014. Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.

ALMEIDA, V. de O.ALMEIDA, V. de O.. V Seminário Interno de Iniciação Cientifica do CCAAB. 2010. Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Ana Cristina Vello Loyola Dantas

SILVA, Simone AlvesDANTAS, Ana Cristina Vello Loyola; AMARAL, C. L. F.. Avaliação e conservação de sementes de mamoneira quanto ao armazenamento e toxidez de alumínio. 2014. Tese (Doutorado em Ciências Agrárias) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.

Sebastião de Oliveira e Silva

SILVA, S. A.;SILVA, S.O.. Germinação e transformação genética em mamona. 2013. Dissertação (Mestrado em Ciências Agrárias) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.

Sebastião de Oliveira e Silva

SILVA, S.O.; MACHADO, E. L.; FONSECA, V. J. A.. Avaliação e conservação de sementes de mamoneira quanto ao armazenamento, toxidez ao alumínio e insensibilidade ao AG3. 2013. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós-Graduação em Ciências Agrárias) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.

Edna Lôbo Machado

Silva, Simone Alves; Loyola, A.C.V.; Soares, Tales Miler; Amaral, C.L.F.;MACHADO, Edna Lôbo. Avaliação e conservação de sementes de mamoneira quanto ao armazenamento e toxidez ao alumínio. 2014. Tese (Doutorado em Ciências Agrárias) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.

Edna Lôbo Machado

Silva, S. de O.;MACHADO, Edna Lôbo; Fonseca, V.J. de A.. Avaliação e conservação de sementes de mamoneira quanto ao armazenamento, toxidez ao alumínio e insensibilidade ao AG3. 2013. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Agrárias) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.

Simone Alves Silva

SILVA, S. A.DANTAS, Ana Cristina Vello Loyola; Soares, Tales Miler; AMARAL, Claudio Lúcio Fernandes.;MACHADO, Edna Lobo. valiação e conservação de sementes de mamoneira quanto ao armazenamento e toxidez ao alumínio. 2014. Tese (Doutorado em Doutorado em Ciências Agrárias: Fitotecnia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.

Tales Miler Soares

SOARES, T. M.SILVA, S. A.DANTAS, A. C. V. L.AMARAL, C. L. F.MACHADO, E. L.. Avaliação e conservação de sementes de mamoneira quanto ao armazenamento e toxidez ao alumínio. 2014. Tese (Doutorado em Ciências Agrárias) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.

Ricardo Luís Cardoso

LOYOLA, A. C.;CARDOSO, R. L.. Estudos em mistáceas no Recôncavo da Bahia. 2011. Dissertação (Mestrado em Fitotecnia) - Universidade Faderal do Recôncavo da Bahia.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Orientou

Rita de Cássia Fernandes Barbosa Carneiro

Mapeamento epidemiológico das parasitoses intestinais no Distrito de MAIRI/BA; Início: 2020; Dissertação (Mestrado profissional em Mestrado Profissional em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente) - Faculdade Maria Milza; (Coorientador);

Antonia Maria Espirito Santo

QUALIDADE DA ÁGUA UTILIZADA NA IRRIGAÇÃO DE HORTALIÇAS NO POVOADO DE CALU, ALAGOINHAS-BA E OS IMPACTOS NA SAÚDE; Início: 2019; Dissertação (Mestrado profissional em Mestrado Profissional em Biotecnologia) - Faculdade Maria Milza; (Orientador);

Jasielle Bastos de Souza

Biomarcadores como preditores de risco cardiovascular em pacientes dislipidêmicos ou não em uma clínica particular do recôncavo da Bahia; Início: 2019; Dissertação (Mestrado profissional em Mestrado Profissional em Biotecnologia) - Faculdade Maria Milza; (Coorientador);

Josiene de Souza Almeida Oliveira

GESTÃO DOS RESIDUOS SÓLIDOS: PROMOÇÃO DA SUSTENTABILIDADE LOCAL POR MEIO DA ASSOCIAÇÃO DE CATADORES DE RESÍDUOS RECICLÁVEIS DO RECÔNCAVO BAIANO; Início: 2019; Dissertação (Mestrado profissional em Mestrado Profissional em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente) - Faculdade Maria Milza; (Orientador);

Hemmilly Lemos Alvarenga

Plano de implementação de gerenciamento de resíduo placentário em hospitais/maternidade de um município do Recôncavo da Bahia; Início: 2019; Dissertação (Mestrado profissional em Mestrado Profissional em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente) - Faculdade Maria Milza; (Orientador);

José Lucas da Silva Sobrinho

PRODUÇÃO DE MULTIVITAMINICO FITOTERÁPICO A BASE DE FOLHAS DE MORINGA E ENRIQUECIDO COM ÔMEGA 3 E VITAMINA D; Início: 2019; Dissertação (Mestrado profissional em Mestrado Profissional em Biotecnologia) - Faculdade Maria Milza; (Orientador);

Grabriella Silva Leite de Santana

Estudos do óleo da Moringa oleifera Lam; : Patentes e produtividade em diferentes técnicas de extração e partes da planta; Início: 2019; Iniciação científica (Graduando em Fisioterapia) - Faculdade Maria Milza; (Orientador);

Flávia Helen de Souza Nascimento

Estudos do óleo da Moringa oleifera Lam; : Patentes e produtividade em diferentes técnicas de extração e partes da planta; Início: 2019; Iniciação científica (Graduando em Nutrição) - Faculdade Maria Milza, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; (Orientador);

Rafaela Souza Sampaio

Resíduos de casas de farinha no município de governador Mangabeira-BA: alternativas de gestão ambiental no beneficiamento da mandioca; 2020; Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente) - Faculdade Maria Milza, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Coorientador: Vanessa de Oliveira Almeida;

Karla Florence Palma de OLiveira Santos

Levantamento e Bioensaio In Vitro de plantas medicinais como alternativa para o combate das larvas de Aedes aegypti (DIPTERA:CULICIDAE); 2020; Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente) - Faculdade Maria Milza,; Orientador: Vanessa de Oliveira Almeida;

Jaciene Lopes de Jesus

Controle da antracnose in vitro e in vivo em frutos de mamoeiro com o uso de extrato foliar de mamão; 2019; Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente) - Faculdade Maria Milza,; Orientador: Vanessa de Oliveira Almeida;

Nayara Andrade de Oliveira

Estudo dos aspectos nutricionais do amido da Maranta arundinacea l; na formulação de pães sem glúten; 2017; Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente) - Faculdade Maria Milza,; Orientador: Vanessa de Oliveira Almeida;

Mauricio dos Santos da Silva

Seleção de linhagens de mamoneira tolerantes a toxidade do alumínio em solução nutritiva; 2013; Dissertação (Mestrado em Recursos Genéticos Vegetais) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Coorientador: Vanessa de Oliveira Almeida;

Jaira Fraga de Moura

IMPLANTAÇÃO DO PROGRAMA SAÚDE NA ESCOLA DO MUNICÍPIO DE CABACEIRAS DO PARAGUAÇU- BA; 2019; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Nutrição) - Faculdade Maria Milza; Orientador: Vanessa de Oliveira Almeida;

Adeliane Gomes Santos de Souza

Percepção do consumidor sobre os alimentos transgênicos no município de Sapeaçu- BA; 2019; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Nutrição) - Faculdade Maria Milza; Orientador: Vanessa de Oliveira Almeida;

Taíse Costa da Silva

Aspectos clínicos e epidemiológicos da Doença de Chagas no Brasil: uma Revisão Integrativa; 2019; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Farmácia) - Faculdade Maria Milza; Orientador: Vanessa de Oliveira Almeida;

Ariane Silva dos Santos

Avaliação da percepção da equipe multidisciplinar no acompanhamento dietoterápico do paciente hospitalizado; 2018; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Farmácia) - Faculdade Maria Milza; Orientador: Vanessa de Oliveira Almeida;

Haline Hellen Santana Couto

Controle estatístico de processo: aplicação à produção de medicamentos na forma de comprimidos em uma indústria farmacêutica; 2018; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Farmácia) - Faculdade Maria Milza; Orientador: Vanessa de Oliveira Almeida;

Stephanie Lima Ferreira de Assis

Desenvolvimento de produto à base de farinha de banana verde com propriedade funcional; 2018; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Farmácia) - Faculdade Maria Milza; Orientador: Vanessa de Oliveira Almeida;

Sandra Miranda dos Santos

HORTA ESCOLAR: COMO FERRAMENTA PEDAGÓGICA E NUTRICIONAL EM UMA ESCOLA NO MUNICÍPIO DE SÃO FELIPE -BA; 2018; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Nutrição) - Faculdade Maria Milza; Orientador: Vanessa de Oliveira Almeida;

Taila Velame Castro

ANÁLISE SENSORIAL DO PÃO SEM GLÚTEN A BASE DE FARINHA DE ARARUTA; 2018; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Nutrição) - Faculdade Maria Milza; Orientador: Vanessa de Oliveira Almeida;

Suany Souza Santos

USO DAS ESTRATÉGIAS DE MARKETING EM UMA FARMÁCIA DE FEIRA DE SANTANA-BA; 2018; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Nutrição) - Faculdade Maria Milza; Orientador: Vanessa de Oliveira Almeida;

Paula Andrade Ferreira

Análise Microbiológica da Água de Coco Industrializada na Cidade de Santo Antônio de Jesus-BA; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Farmácia) - Faculdade Maria Milza; Orientador: Vanessa de Oliveira Almeida;

Bruno Freitas Mercês

ARMAZENAMENTO E DESCARTE DE MEDICAMENTOS NAS RESIDÊNCIAS NO BAIRRO URBIS II EM SANTO ANTÔNIO DE JESUS-BA; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Farmácia) - Faculdade Maria Milza; Orientador: Vanessa de Oliveira Almeida;

Luise Nogueira Souza

ANÁLISE MICROBIOLÓGICA EM BEBEDOURO DE ESCOLA PÚBLICA DO MUNICÍPIO DE CRUZ DAS ALMAS, BAHIA; 2016; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Farmácia) - Faculdade Maria Milza; Orientador: Vanessa de Oliveira Almeida;

Alessandra Cerqueira Figueiredo

FARMACOTERAPIA: CASO EM PACIENTES IDOSOS COM ALZHEIMER DO LAR DOS IDOSOS EM SANTO ANTÔNIO DE JESUS, BAHIA; 2016; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Farmácia) - Faculdade Maria Milza; Orientador: Vanessa de Oliveira Almeida;

Carolina Oliveira de Amorim Ribeiro

ESTUDO DOS ASPECTOS NUTRICIONAIS E SENSORIAIS DA INCLUSÃO DO AMIDO DA Maranta arundinacea L; NA FORMULAÇÃO DE PÃO SEM GLÚTEN; 2019; Iniciação Científica; (Graduando em Nutrição) - Faculdade Maria Milza, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Orientador: Vanessa de Oliveira Almeida;

Maria Celízia Silva dos Reis

Identificação de linhagens elites de mamoneira tolerantes e sensíveis ao alumínio tóxico para analise de expressão gênica; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Orientador: Vanessa de Oliveira Almeida;

THIAGO CERQUEIRA DO NASCIMENTO DE SOUZA

Criação de linhagens avançadas (geração F6 :F7 )com superioridade quanto a tolerância ao alumínio tóxico no solo; 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Vanessa de Oliveira Almeida;

THIAGO CERQUEIRA DO NASCIMENTO DE SOUZA

Criação de linhagens avançadas (geração F :F )com superioridade quanto a tolerância ao alumínio tóxico no solo e teor de óleo na semente; 2011; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Vanessa de Oliveira Almeida;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Valdir José de Almeida Fonseca

Época de enxertia e tipo de garfo para produção vegetativa de jaqueira e de jenipapeiro; 2007; Iniciação Científica; (Graduando em Engenharia Agrônomica) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Valdir José de Almeida Fonseca;

Ana Cristina Vello Loyola Dantas

Estudos em mirtáceas em quatro municípios do Recôncavo da Bahia; 2011; Dissertação (Mestrado em Recursos Genéticos Vegetais) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Orientador: Ana Cristina Vello Loyola Dantas;

Ana Cristina Vello Loyola Dantas

Caracterização de genótipos de jaqueira no Recôncavo Baiano; 2008; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Ana Cristina Vello Loyola Dantas;

Ana Cristina Vello Loyola Dantas

Época de enxertia e tipo de garfo para produção vegetativa de jaqueira e de jenipapeiro; 2007; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Orientador: Ana Cristina Vello Loyola Dantas;

Ana Cristina Vello Loyola Dantas

Propagação de fruteiras tropicais: jenipapeiro e cupuaçuzeiro; 2006; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Federal da Bahia; Orientador: Ana Cristina Vello Loyola Dantas;

Ana Cristina Vello Loyola Dantas

PROPAGAÇÃO DE FRUTEIRAS TROPICAIS: JAQUEIRA; 2005; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Federal da Bahia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Ana Cristina Vello Loyola Dantas;

Ana Cristina Vello Loyola Dantas

PROPAGAÇÃO DE FRUTEIRAS TROPICAIS: JAQUEIRA; 2004; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Federal da Bahia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Ana Cristina Vello Loyola Dantas;

Ana Cristina Vello Loyola Dantas

Estágio supervisionado - Pesquisa e Extensão em Fruticultura Tropical na UFRB; 2008; Orientação de outra natureza; (Agronomia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia; Orientador: Ana Cristina Vello Loyola Dantas;

Simone Alves Silva

Avaliação e conservação de sementes de mamoneira quanto ao armazenamento e toxidez ao alumínio; 2014; Tese (Doutorado em Doutorado em Ciências Agrárias: Fitotecnia) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Orientador: Simone Alves Silva;

Simone Alves Silva

2016; Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Simone Alves Silva;

Simone Alves Silva

2015; Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Simone Alves Silva;

Simone Alves Silva

Desenvolvimento de protocolo para transformação genética em mamoneira (Ricinus communis L; ); 2013; Orientação de outra natureza; (PDSE - Doutorado Sanduíche no Exterior) - Ghent University, CAPES/PDSE; Orientador: Simone Alves Silva;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • SANTOS, L. A. dos S. ; SILVA, S. A. ; SOUZA, D. R. ; ARAÚJO, GILMARA DE MELO ; ALMEIDA, V. de O. ; NEVES, C. G. . Genetic parameters in agronomic characters for selection of superior lineages of Ricinus communis L. CIÊNCIA RURAL , v. 49, p. e20180547-6, 2019.

  • SILVA, ADIELLE RODRIGUES DA ; SILVA, SIMONE ALVES ; Almeida, Vanessa de Oliveira ; ARAÚJO, GILMARA DE MELO ; LEDO, CARLOS ALBERTO DA SILVA . Correlations and track analysis for morphoagronomic descriptors in pedigree and parental lines of castor bean. Ciência Rural , v. 47, p. 00-00, 2017.

  • ALMEIDA, A. Q. ; SILVA, S. A. ; ALMEIDA, V. O. ; SOUZA, D. R. ; ARAUJO, G. M. . GENETIC DIVERGENCE AND MORPHO-AGRONOMIC PERFORMANCE OF JATROPHA CURCAS L. CLONES FOR SELECTION OF CLONAL VARIETIES. Revista Caatinga (Online) , v. 29, p. 841-849, 2016.

  • BASTOS, L. P. ; DANTAS, A. C. V. L. ; COSTA, M. A. P. C. ; BASTOS, M. J. S. M. ; ALMEIDA, V. de O. . Propagação vegetativa de umbu-cajazeira. Enciclopedia Biosfera , v. 10, p. 2508-2517, 2014.

  • Dantas, Ana Cristina Vello Loyola ; Queiroz, João Mariano de Oliveira ; VIEIRA, Elvis Lima ; Almeida, Vanessa de Oliveira ; ALMEIDA, V. de O. . Effect of gibberellic acid and the biostimulant stimulate on the initial growth of tamarind. Revista Brasileira de Fruticultura (Impresso) , v. 34, p. 8-14, 2012.

  • SANTOS, A. P. ; DANTAS, A. C. V. L. ; FONSECA, A. A. O. ; LEDO, C. A. S. ; ALMEIDA, V. de O. ; FONSECA, M. D. S. . Caracterização de Frutos de Umbu-Cajazeiras das Microrregiões de Santo Antonio de Jesus, Feira de Santana e Jequié, Bahia. Magistra , v. 24, p. 271-279, 2012.

  • SANTOS, A. P. ; DANTAS, A. C. V. L. ; FONSECA, A. A. O. ; LEDO, C. A. da S. ; ALMEIDA, V. de O. ; FONSECA, M. D. S. . Caracterização de Frutos de Umbu-Cajazeiras das Microrregiões de Santo Antonio de Jesus, Feira de Santana e Jequié, Bahia. Magistra , v. 24, p. 271-279, 2012.

  • BASTOS, L. P. ; DANTAS, A. C. V. L. ; FONSECA, A. A. O. ; ALMEIDA, V. de O. ; BARROSO, J. P. . Caracterização de genótipos de cirigueleira no município de Cruz das Almas, Bahia. Magistra , v. 24, p. 280-285, 2012.

  • QUEIROZ, J. M. de O. ; DANTAS, A. C. V. L. ; ALMEIDA, V. de O. ; BARROSO, J. P. . Emergência de plântulas e crescimento inicial de tamarindeiro em diferentes substratos. Revista Magistra , v. 23, p. 221-227, 2011.

  • PRADO NETO, M. ; DANTAS, A. C. V. L. ; VIEIRA, E. L. ; ALMEIDA, V. de O. . Germinação de sementes de jenipapeiro submetidas à pré-embebição em regulador e estimulante vegetal. Ciência e Agrotecnologia (UFLA) , v. 31, p. 693-698, 2007.

  • SOUSA, S. A. ; DANTAS, A. C. V. L. ; SILVA, S. A. ; FONSECA, A. A. O. ; MACHADO, M. S. ; ALMEIDA, V. de O. . Fruit characterization of sugar apple genotypes in Presidente Dutra, Bahia. Crop Breeding and Applied Biotechnology (Online) , v. 6, p. 295-302, 2006.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

ALMEIDA, A. Q. ; SILVA, C. S. B. ; DUARTE, E. A. A. ; ALVES, E. M. ; CHIMBO, E. D. ; COSTA, E. M. R. ; SANTOS, L. A. dos S. ; SILVA, S. M. P. C. ; Almeida, Vanessa de Oliveira ; POELKING, V. G. C. . Experiência na Pós-Graduação: um olhar de de pesquisador e pós-doutorandos. 2015. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).

OLIVEIRA, N. A. ; ALMEIDA, V. de O. . semglutenesemlactose.com.br. 2018; Tema: Pão Sem Glúten a base de Araruta. (Site).

Almeida, Vanessa de Oliveira . Metodologia da Pesquisa Científica. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

Almeida, Vanessa de Oliveira . Currículo Lattes - Projetando uma carreira profissional de sucesso. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

ALMEIDA, V. de O. . Currículo Lates: da elaboração à manutenção. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

Almeida, Vanessa de Oliveira . Software livre e editoração eletrônica: Curso Latex. 2014. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

ALMEIDA, V. de O. . Periódicos Capes on-line. 2011. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

ALMEIDA, V. de O. . Utilização e preenchimento do Curriculum Lattes. 2011. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

DANTAS, A. C. V. L. ; COSTA, M. A. P. C. ; CARDOSO, R. L. ; NEVES, C. G. ; AMORIM, E. L. ; FERREIRA, G. F. ; SANTOS, J. M. da S. dos ; Queiroz, João Mariano de Oliveira ; BARROSO, J. P. ; SANTOS, L. C. B. dos ; SANTOS, L. A. dos S. ; RIBEIRO, R. N. sa S. ; FONSECA, V. J. A. ; ALMEIDA, V. de O. ; OLIVEIRA, V. J. dos S. . Frutas: sabor e saúde. 2009. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Cartilha).

ALMEIDA, V. de O. ; DANTAS, A. C. V. L. ; FONSECA, V. J. A. . Caracterização de genótipos de jaqueira no Recôncavo Baiano. 2008. (Relatório de pesquisa).

ALMEIDA, V. de O. ; DANTAS, A. C. V. L. ; FONSECA, V. J. A. . Época de Enxertia e tipo de garfo para produção vegetativa de jaqueira e jenipapeiro. 2007. (Relatório de pesquisa).

DANTAS, A. C. V. L. ; COSTA, M. A. P. C. ; ROCHA, M. A. C. ; NUNES, L. A. ; ALMEIDA, V. de O. ; NEVES, C. G. ; SANTOS, C. dos A. . Semana de Literatura Cientifica do Recôncavo Baiano. 2006. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Folders).

ALMEIDA, V. de O. ; DANTAS, A. C. V. L. . Propagação de fruteiras tropicais: jenipapeiro (Genipa americana). 2006. (Relatório de pesquisa).

ALMEIDA, V. de O. ; DANTAS, A. C. V. L. . Propagação de Fruteiras Tropicais: Jaqueira. 2005. (Relatório de pesquisa).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2019 - Atual

    Estudos sobre a extração do óleo, patentes, composição nutricional e avaliação in vitro da Moringa oleifera, Descrição: A Moringa oleifera Lam. (Moringacea) é uma planta originária da Índia que vem despertando interesse de pesquisadores e cientistas, devido sua capacidade biológica e suas comprovadas propriedades medicinais, já sendo usada no combate a hipertensão, tumores, artrite e como reforço alimentar. Todas as partes da Moringueira podem ser utilizas para o combate das mais diversas enfermidades, sendo utilizado principalmente o óleo essencial por possui propriedades antifúngica, antiinflamatória, antitumoral e bactericida.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado profissional: (1) . , Integrantes: Vanessa de Oliveira Almeida - Coordenador / Vânia Jesus dos Santos de Oliveira - Integrante / Flavia Helen de Souza Nascimento - Integrante / PAULO AMERICO MATOS ALMEIDA - Integrante / GABRIELLA SILVA LEITE DE SANTANA - Integrante / JOSE LUCAS DA SILVA SOBRINHO - Integrante / JORGE LUIZ LOYOLA DANTAS - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia - Bolsa., Número de produções C, T & A: 6 / Número de orientações: 2

  • 2019 - Atual

    BIOMARCADORES COMO PREDITORES DE RISCO CARDIOVASCULAR EM PACIENTES DISLIPIDÊMICOS OU NÃO EM UMA CLÍNICA PARTICULAR DO RECÔNCAVO DA BAHIA, Descrição: As doenças cardiovasculares são as principais causas de morbimortalidade em todo mundo, sendo relacionadas com os fatores genéticos e ambientais, como o consumo de álcool e tabaco, sedentarismo, hipertensão, diabetes, polimorfismos nos genes receptores de lipoproteínas e apolipoproteínas e as dislipidemias. Esses fatores são as principais causas da aterosclerose, que de forma lenta e gradativa reduz o fluxo sanguíneo, podendo levar à estenose. Para o diagnóstico dessa patologia é possível avaliar a espessura médio-intimal de carótidas a partir das interfaces lúmem-íntima e a média-adventícia. Existem biomarcadores, como Castelli I e II, LDL-c, não HDL-c, AIP e CA, que podem predizer o aparecimento de lesões ateroscleróticas nas artérias coronárias e a incidência de infarto agudo do miocárdio. Por isso, a realização de pesquisas que buscam evidenciar esta correlação é de suma importância para avaliar a associação entre os biomarcadores e as doenças cardiovasculares, realizando assim o diagnóstico precoce. Com isso, o objetivo desse projeto é avaliar a associação entre os biomarcadores e a doença aterosclerótica em pacientes com doença carotídea ou não. Pretende-se também verificar a associação da ocorrência da doença carotídea com as variáveis biológicas (sexo e idade), com os fatores de risco (hipertensão, tabagismo, obesidade, alcoolismo e diabetes) e testar um possível valor de referência para o Índice Aterogênico Plasmático na população estudada. Este é um estudo caracterizado como exploratório documental, e seu desenvolvimento longitudinal retrospectivo, no qual serão analisados os prontuários de uma clínica particular sediada em Cruz das Almas ? Bahia, a Cardioimagem, dos pacientes atendidos no período de 01/01/2018 a 31/12/2019, que realizaram Doppler de Carótida e exames laboratoriais. Será utilizado o programa estatístico SPSS 25.0.0.0 para a análise multivariada e regressão múltipla de Cox, que possibilita o estudo conjunto das variáveis obtidas no estudo, considerando sua significância estatística dentro de um intervalo de confiança. Com isso, espera-se que o desenvolvimento dessa pesquisa possibilite uma análise de todos os fatores estudados, diminuindo a morbimortalidade causada pelas doenças cardiovasculares, assim como, auxilie com a conduta médica, visando o melhor tratamento ao paciente. E que os resultados obtidos sejam utilizados em prol do desenvolvimento da pesquisa cientifica e que contribuam para o conhecimento da sociedade em geral.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (2) Doutorado: (2) . , Integrantes: Vanessa de Oliveira Almeida - Integrante / Cássia Vargas Lordelo - Integrante / JASIELLE BASTOS DE SOUZA - Coordenador / ANDRÉ DIAS AZEVEDO NETO - Integrante., Financiador(es): Faculdade Maria Milza - Bolsa., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 2017 - 2017

    ARMAZENAMENTO E DESCARTE DE MEDICAMENTOS NAS RESIDÊNCIAS NO BAIRRO URBIS II EM SANTO ANTÔNIO DE JESUS-BA, Descrição: Os medicamentos têm um papel importante na sociedade, muitas vezes são adquiridos para tratamento de patologia e não são consumidos totalmente, consequentemente acabam sendo armazenados para um consumo posterior ou ultrapassam a data de validade e seu descarte ocorre muitas vezes sem os devidos cuidados, ocasionando riscos para a população e para o meio ambiente. Este trabalho tem como objetivo geral avaliar a prevalência da farmácia caseira e os locais destinados ao armazenamento e descarte de medicamentos na população do Bairro URBIS II em Santo Antônio de Jesus-BA. E como objetivos específicos identificar os medicamentos que compõem a farmácia caseira, observar o grau de conhecimento sobre a forma correta de armazenamento e descarte dos medicamentos, verificar o local de descarte de medicamentos, verificar a frequência de descarte ou desuso de medicamento. Para a realização do trabalho será estuda a população do Bairro Urbis II que fica localizada no município de Santo Antônio de Jesus na Bahia/Brasil. Com o intuito de avaliar uma amostra significativa dessa população, será utilizada uma equação para determinação do tamanho da amostra com base na estimativa da média populacional. O estudo será do tipo exploratório-explicativo, com abordagem quantitativa. Um questionário será aplicado para obter dados para atingir o objetivo da pesquisa. As perguntas serão elaboradas com linguagem informal, para melhor entendimento do sujeito da pesquisa. O questionário é apoiado nos objetivos específicos da pesquisa e embasado em trabalhos realizados em outras cidades brasileiras. Os sujeitos da pesquisa serão inicialmente informados da importância do trabalho. As perguntas serão lidas e assinaladas pelo aplicador(a) do questionário, na forma de entrevista, adaptadas no ato da leitura ao nível de entendimento das pessoas sobre o assunto, instruídos a responder de forma concisa e em caso de incerteza poderiam consultar sua farmácia domiciliar com a perspectiva de assinalar a resposta que mais cabe na verdade de suas ações. Será considerado um erro amostral de 5% e o intervalo de confiança de 95%. Desta forma a pesquisa será composta de 102 participantes (residências) que serão selecionados aleatoriamente sem distinção de sexo ou escolaridade, com idade a partir de 18 anos, em plenas faculdades mentais e que assinem o Termo de Consentimento Livre e Esclarecido ? TCLE para assegurar participação voluntária. Será utilizada a estatística descritiva para analisar os dados oriundos do questionário. Os resultados serão dispostos para formação de um banco de dados, com auxilio do programa Microsoft Office Excel 2007, e posterior formação de tabelas e ilustrações. Com estudo espera-se auxiliar nas politica publicas a respeito do descarte de medicamentos a partir do momento que este revelar o perfil de descarte de medicamentos no referido bairro.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Vanessa de Oliveira Almeida - Coordenador / BRUNO FREITAS MERCÊS - Integrante., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 2017 - 2017

    Análise Microbiológica da Água de Coco Industrializada na Cidade de Santo Antônio de Jesus-BA., Descrição: A água de coco é uma bebida refrescante que é considerada como um poderoso isotônico natural, sendo consumida em grande parte do mundo, principalmente na forma natural em regiões tropicais, o que torna a atividade ambulante de venda de água de coco bastante comum nessas áreas. No entanto, a prática desta atividade pode trazer riscos do ponto de vista higiênico-sanitárias, pela falta de conhecimento de práticas de manipulação de alimentos o perigo da contaminação da água de coco é iminente. Diante disso, o objetivo geral desse trabalho foi avaliar a qualidade microbiológica das águas de coco comercializadas no município de Santo Antônio de Jesus- BA. Foram adquiridas amostras de água de coco (aproximadamente 1000 mL) comercializadas por vendedores em cinco pontos, que posteriormente foram analisadas quanto à presença de coliformes totais, coliformes termotolerantes e bactérias heterotróficas, através da técnica da membrana filtrante. Os resultados foram comparados com o que preconiza a Resolução N 12, de 02 de janeiro de 2001, estabelece os padrões microbiológicos sanitários para alimentos. Com os resultados obtidos é possível concluir que as águas de coco in natura vendidas nas ruas no município de Santo Antônio de Jesus apresentaram contaminação e nenhuma das amostras estavam totalmente isentas de algum tipo de microrganismo, fato que é reflexo da falta de preparo dos comerciantes e da higiene necessária para a comercialização do produto na sua forma natural. Assim, concluiu que as águas de coco comercializadas no município de Santo Antônio de Jesus ? BA apresentaram contaminação por Coliformes totais e Coliformes termotolerantes nas amostras 1 e 3, mostrando-se imprópria para o consumo humano com valores acima do valor permitido pela legislação vigente.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Vanessa de Oliveira Almeida - Coordenador / Paula Andrade Ferreira - Integrante., Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 1

  • 2017 - Atual

    Estudo dos aspectos nutricionais e sensoriais da inclusão do amido da maranta arundinacea l. na formulação de pão sem glúten, Descrição: Muitas espécies da flora brasileira ainda são subutilizadas, dentre estas espécies esta a Maranta arudinacea L. (araruta), vegetal com risoma rico em amido com alto valor nutricional. Outra forma de subutilização é o desperdiço de toneladas de resíduos vegetais que podem ser utilizados na alimentação humana, um desses resíduos é o da Citrus sinensis (laranja). Existe uma demanda atual para a utilização de amidos como substitutos das farinhas que contem glúten para a alimentação de pessoas celíacas, com a alergia ou sensibilidade a este componente e ao mesmo tempo existe uma preocupação que o alimento seja funcional. O objetivo deste trabalho é analisar os aspectos bromatológicos, sensoriais e microbiológicos de pães sem glúten com diferentes concentrações da farinha da araruta comparando-os com pão sem glúten controle produzido sem a inclusão desta farinha. Este é um trabalho experimental de abordagem quantitativa, realizada em laboratório, em esquema fatorial 4+1 com quatro diferentes concentrações de araruta + formulação controle. A farinha de araruta será adquirida de um produtor da região e o resíduo do laranja será obtido de uma lanchonete produtora do suco desta fruta na região. Serão formulados pães com diferentes teores do amido de araruta e realizadas análises bromatológicas e microbiológicas, após isso será realizado um comparativo entre esses pães e o pão controle através do teste de Dunnett, já as diferentes formulações do pão contendo araruta serão comparadas entre si aplicando-se o teste t-Student a 5% de significância. A análise sensorial será analisada através do teste de aceitabilidade realizado com 100 provadores, através de escala hedônica estruturada de nove pontos. Os aspectos avaliados serão aceitação geral, sabor, aroma, cor, textura, preferência e intenção de consumo e os resultados serão submetidos à análise de variância (ANOVA) e as médias serão comparadas por meio do teste de Tukey, em nível de 5% de probabilidade. Este estudo é importante para fomentar o cultivo e o consumo da araruta preservando a presença deste item na biodiversidade brasileira, agregar valor a um subproduto do suco de laranja reduzindo o seu descarte para o meio ambiente, contribuindo dessa forma para a segurança alimentar e nutricional das pessoas celíacas, para o desenvolvimento da região do Recôncavo da Bahia, e para a preservação do meio ambiente.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado profissional: (1) . , Integrantes: Vanessa de Oliveira Almeida - Coordenador / Nayara Andrade de Oliveira - Integrante / Taila Velame Castro - Integrante / Carolina Oliveira de Amorim Ribeiro - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia - Bolsa., Número de produções C, T & A: 6 / Número de orientações: 2

  • 2016 - 2017

    ANÁLISE MICROBIOLÓGICA EM BEBEDOUROS DE ESCOLAS PÚBLICAS DO MUNICÍPIO DE SANTO ANTONIO DE JESUS, BAHIA, Descrição: Os bebedouros são fontes potenciais de contaminação, a presença de microrganismos nesses aparelhos pode oferecer risco a saúde dos usuários, haja visto que alguns são considerados patogênicos, o que torna sua limpeza de fundamental importância. Esse estudo teve como objetivo analisar a qualidade microbiológica de bebedouros de escolas públicas municipais da cidade de Santo Antônio de Jesus ? Bahia. Foram selecionadas duas escolas públicas. Na escola A foram selecionados 02 bebedouros e na escola B 03 bebedouros. De cada bebedouro foram coletadas amostras da superfície e do bocal, perfazendo um total de 10 amostras. Foram avaliados os aspectos microbiológicos dos bebedouros. Para tal, foi determinada a presença de coliformes totais e coliformes termotolerantes, como também a contagem de bactérias heterotróficas, através da técnica de semeadura. Em ambas as escolas avaliadas foram encontrados coliformes totais em 100% das amostras, independentemente do local (superfície e bocal). Quanto aos coliformes termotolerantes foi constatado a presença desses microrganismos em 100% das amostras da superfície dos bebedouros. Dentre as 5 amostras de bocais analisadas foi constatado a presença em três bocais, destas 01 amostra foi adquirida na escola A e 02 na escola B. Com relação à contaminação por bactérias heterotróficas, 100% das amostras de superfícies e bocais dos bebedouros apresentaram valores acima do limite máximo aceitável pela Legislação Brasileira (500 UFC/mL). Os bocais e superfícies dos bebedouros de ambas as escolas de Santo Antônio de Jesus apresentam condições higiênicas insatisfatórias verificado pela presença de coliformes totais, termotolerantes e bactérias heterotróficas, sendo assim a assepsia constante dos aparelhos é essencial para reduzir os níveis de contaminação.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Vanessa de Oliveira Almeida - Coordenador / LUISE NOGUEIRA SOUZA - Integrante., Número de orientações: 1

  • 2016 - 2017

    FARMACOTERAPIA: CASO EM PACIENTES IDOSOS COM ALZHEIMER DO LAR DOS IDOSOS EM SANTO ANTÔNIO DE JESUS, BAHIA, Descrição: As medidas de saúde adotadas para melhoria da qualidade de vida dos idosos englobam as ações de Assistência Farmacêutica, parte complementar do direito social atribuído pela Constituição de 1988. A Lei Orgânica da Saúde garantiu que todos os idosos com Alzheimer tivessem assistência terapêutica integral e farmacêutica, em consonância com o princípio da integralidade de proteção. Esta doença tem sido uma preocupação da saúde pública, pois, se não tratada pode trazer sérios riscos aos idosos. Assim, indagou-se como ocorre a realização do acompanhamento farmacoterapêutico e terapias alternativas a idosos com Doença de Alzheimer ? Logo, o objetivo geral pauta-se em apresentar e discutir a influência do acompanhamento farmacoterapêutico e terapias alternativas a idosos com Doença de Alzheimer. Escolheu-se realizar um estudo bibliográfico de abordagem qualitativa, num período de 2005 a 2017. Os dados foram analisados por meio de análise de conteúdo. Verificou-se que o acompanhamento multidisciplinar aos idosos é essencial e imprescindível, tanto para o idoso como para o cuidador que precisa ser orientado sobre as manifestações próprias de cada etapa da doença, também demonstrou a necessidade de potencializar mais discussões e reflexões sobre a implementação do cuidado terapêutico eficaz e contínuo e das terapias alternativas, com vistas a melhorar o cuidado ao idoso. Sendo assim, este estudo é relevante por trazer uma reflexão acerca da assistência farmacêutica em relação às boas práticas de assistência aos idosos com alzheimer, além de avaliar a importância desta nova atribuição do farmacêutico para o presente e futuro da sociedade, visto a crescente expansão da população idosa em nosso país. Este trabalho de prática, e muitos outros que tem vindo a ser feitos, vêm contribuir para este aspeto importante de procurar basear as nossas intervenções em evidência comprovada cientificamente, caminhando no sentido de uma prática com progressivamente mais qualidade. Tal permite uma abordagem mais segura e eficaz deste desafio com melhores cuidados ao utente e de forma a maximizar a qualidade de vida, o conforto e a promoção da dignidade do doente.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Vanessa de Oliveira Almeida - Coordenador / ALESSANDRA CERQUEIRA FIGUEIREDO - Integrante., Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 1

  • 2015 - 2016

    Identificação de linhagens elites de mamoneira tolerantes e sensíveis ao alumínio tóxico para analise de expressão gênica, Descrição: A toxidade do alumínio é um fator limitante para a obtenção de maior produtividade na cultura da mamona (Ricinus communis L.). O desenvolvimento de genótipos tolerantes a altos níveis de toxidez ao alumínio é uma alternativa mais barata e viável para o cultivo em solos com subsolo ácidos. Os objetivos deste trabalho será identificar genes responsivos a tolerância ao alumínio tóxico (Al +3) em mamona através de sistema hidropônico, para subsidiar futuros trabalhos de melhoramento da mamoneira que visem identificar genótipos tolerantes e sensíveis ao alumínio tóxico, bem como para futuros trabalhos de expressão gênica. Sementes de uma população com 47 linhagens serão geminadas em germinador e serão desenvolvidas em solução nutritiva sob sistema hidropônico, com submissão ao tratamento Al+3 para classificação das linhagens em grupos tolerantes, intermediários e sensíveis. O método que será utilizado para classificar as plantas de mamona em tolerantes e sensíveis será a partir da análise de recrescimento da raiz principal. Após o término do experimento, os dados serão submetidos à análise de variância univariada (teste de F) e as médias comparadas pelo teste Scott-Knott (SCOTT e KNOTT, 1974)e análise multivariada.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Vanessa de Oliveira Almeida - Coordenador / Maria Celizia Silva dos Reis - Integrante.

  • 2014 - 2016

    Expressão gênica para tolerância ao alumínio tóxico em mamoneira (Ricinus communis L.), Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Simone Alves Silva em 24/10/2014., Descrição: A toxidade do alumínio é um fator limitante para a obtenção de maior produtividade na cultura da mamona (Ricinus communis L.). O desenvolvimento de genótipos tolerantes a altos níveis de toxidez ao alumínio é uma alternativa mais barata e viável para o cultivo em solos com subsolo ácidos. Os objetivos deste trabalho será identificar genes responsivos a tolerância ao alumínio tóxico (Al +3) em mamona, através da técnica de expressão gênica, bem como subsidiar futuros trabalhos de melhoramento da mamoneira que visem identificar genótipos tolerantes e sensíveis ao alumínio tóxico. Sementes de uma população com 220 linhagens serão geminadas em BOD para desenvolverem em solução nutritiva sob sistema hidropônico, com submissão ao tratamento Al+3 para classificação das linhagens em grupos tolerantes, intermediários e sensíveis. DNA genômico será extraído para cada grupo classificado e submetido à análise de expressão gênica para identificação de genes associados ao caráter, com utilização de RT-qPCR (PCR quantitativo em tempo real). Espera-se com esta proposta aprofundar o conhecimento sobre a expressão dos genes envolvidos na tolerância ao alumínio tóxico, a fim de selecionar linhagens com maior tolerância a este elemento, visando uma melhor resposta do seu desempenho produtivo em solos ácidos. Assim como, dar suporte ao programa de melhoramento da espécie e promover uma integração de conhecimento entre pesquisadores com o apoio da bolsa de Pós-doutorado.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Vanessa de Oliveira Almeida - Integrante / Simone Alves Silva - Coordenador., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.

  • 2011 - 2014

    Avaliação e conservação de sementes de mamoneira quanto ao armazenamento, toxidez ao alumínio e insensibilidade ao AG3 com o uso de marcadores moleculares, Descrição: O trabalho tem como objetivo realizar estudos de conservação de sementes de mamoneira, assim como avaliar o comportamento desta espécie mediante doses de alumínio tóxicos e identificar a presença do gene Rht através da insensibilidade ao AG3 com uso de marcadores moleculares. As mamoneiras serão submetidos às doses 0, 30, 60 e 90 mg L-1 de Al+3 em delineamento inteiramente casualizado, com três repetições, sendo determinados os caracteres: comprimento da raiz; recrescimento da raiz primária; comprimento da parte aérea e comprimento da raiz secundária. Para detectar a presença do gene Rht serão utilizadas as doses 0 e 100 mg L-1 de AG3 e aferidos os caracteres referentes ao comprimento da parte aérea e comprimento da raiz. Após formação de grupos quanto à sensibilidade ao G3 e alumínio toxico serão realizadas analises moleculares através de marcadores microssátelite. As sementes serão avaliadas quanto à embalagem, temperatura e período ideal de conservação.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Vanessa de Oliveira Almeida - Integrante / Simone Alves Silva - Coordenador.

  • 2009 - 2011

    Ocorrência e propagação de quatro espécies de Myrtaceae no Recôncavo Sul da Bahia, Descrição: As regiões tropicais brasileiras são ricas em número de espécies de frutas nativas, com potencial para exploração no comércio de frutas in natura e processamento da polpa e industrialização. Entretanto, a exploração de fruteiras nativas no Nordeste do Brasil, a exemplo das Myrtaceae ocorre na maioria das vezes de forma extrativista e muitas vezes predatória, em razão da falta de conhecimento de quem as utiliza, pois muitos não têm noção do que são recursos genéticos e da importância da conservação de germoplasma. O objetivo do trabalho é realizar o levantamento de Myrtaceae no Recôncavo Baiano, realizar testes de germinação das espécies em frutificação e identificar as espécies com maior interesse sócio-econômico para avaliação de cerca de 40 genótipos em relação às características físicas, químicas e físico-químicos de 20 frutos. Nos municípios de Cruz das Almas, São Felipe, Muritiba e Sapeaçu, serão localizadas algumas espécies de mirtáceas (jabuticaba, jambo, pitanga, araçá e guabiroba) que serão demarcadas com o auxilio do GPS e aferidas quanto à altura, circunferência do caule, diâmetro longitudinal e transversal da copa. Os dados das plantas serão analisados no programa ArcView, gerando mapas com a distribuição dos pontos de ocorrência das espécies estudadas e tabelas que possibilitam prever outras áreas de incidência. Os testes de germinação serão realizados e analisados de acordo com as espécies.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Vanessa de Oliveira Almeida - Integrante / Ana Cristina Vello Loyola Dantas - Coordenador.

  • 2007 - 2010

    CARACTERIZAÇÃO,SELEÇÃO E PROPAGAÇÃO VEGETATIVA DE GENÓTIPOS DE JAQUEIRA, NO RECÔNCAVO BAIANO, Descrição: O presente trabalho visa caracterizar, selecionar plantas de jaqueira (Artocarpus heterophyllus Lam) em população da região do Reconcâvo Baiano, utilizando marcadores morfológicos e moleculares. Serão estudados e avaliados 100 genótipos identificados em 5 munícipios da região, em pelo menos dois anos de produção. No local da coleta será feito um levantamento das condições das plantas identificadas quanto à altura da planta, diâmetro longitudinal da copa, diâmetro transversal da copa e circunferência do caule. Para cada genótipo, serão coletados 8 frutos no estado maduro, 2 frutos nos quatro quadrantes da copa, os quais após as medidas físicas (formato do fruto,cor da casca, massa do fruto, comprimento do fruto, diâmetro do fruto, massa do bagunço, comprimento do bagunço, diâmetro do bagunço, massa da polpa, número de sementes por fruto, massa da semente, espessura da casca, massa da casca + pivide), serão abertos manualmente e a suas polpas serão homogeneizadas para análise físico-química e química ( pH da polpa, acidez titulável total, teor de sólidos solúveis totais, açúcares redutores e açúcares totais). Para avaliação da variabilidade genética serão coletadas de cada árvore no campo, folhas jovens que servirão para a análise molecular, utilizando a técnica de DNA polimórfico amplificado ao acaso (RAPD), desenvolvida por Williams et al. (1990). Os dez genótipos selecionados como superiores serão propagados, vegetativamente, testando-se dois métodos de enxertia: garfagem em fenda cheia no topo e borbulhia, avaliando percentagem de pegamento da enxertia, percentagem de sobrevivência dos enxertos, precocidade das mudas enxertadas em número de folhas, altura e diâmetro dos brotos. Os dados serão submetidos à análise descritiva por ano e análise de variância e comparação de médias, para identificação e seleção de genótipos superiores e definição do melhor método de propagação vegetativa por enxertia.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Vanessa de Oliveira Almeida - Integrante / Maria Angélica Pereira de Carvalho Costa - Integrante / Ana Cristina Vello Loyola Dantas - Coordenador / Simone Alves Silva - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2006 - 2008

    Época de enxertia e tipo de garfo para produção vegetativa de jaqueira e de jenipapeiro, Descrição: A fruticultura é hoje um dos segmentos mais importantes na agricultura brasileira, respondendo por 25% do valor da produção agrícola nacional (Toda Fruta, 2006). A Bahia possui todas as características para expandir a produção de frutas, investindo em novas espécies, de alto valor agregado e pouco exploradas, como é o caso da jaqueira e do jenipapeiro. A jaqueira (Artocarpus heterophilus), planta da família Moraceae, é amplamente distribuída nas regiões tropicais, sendo utilizada para consumo ao natura, para o preparo de doces, aguardente, além do aproveitamento da madeira e do látex. Os frutos do jenipapeiro (Genipa americana) podem ser usados em medicina caseira e também consumidos ao natural ou empregado no preparo de compota, doce cristalizado, refresco, suco, polpa congelada, xarope, licor, vinho, álcool, vinagre e aguardente (Lorenzi, 1992). Apesar do valor potencial que apresentam, ainda são poucos os trabalhos com essas fruteiras, não havendo na literatura informações sobre pontos importantes quando se visa à exploração racional, a exemplo dos métodos de produção de mudas. Entre os métodos de propagação vegetativa, a enxertia tem sido usada em um grande número de fruteiras. A época de realização e conseqüentemente o porte do porta-enxerto e o tipo de garfo encontram-se entre os fatores externos que podem afetar o pegamento dos enxertos. A possibilidade de realização da enxertia precocemente é interessante, permitindo a redução do tempo para a produção do porta-enxerto, consequentemente reduzindo o custo de produção da muda em função da redução do volume de substrato, materiais de consumo e do tempo de permanência da muda no viveiro. O objetivo deste trabalho é estudar fatores que interferem na enxertia de jaqueira e do jenipapeiro.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Vanessa de Oliveira Almeida - Integrante / Ana Cristina Vello Loyola Dantas - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2006 - 2007

    Germinação de sementes e propagação vegetativa do cupuaçuzeiro, Descrição: Apesar do cultivo do cupuaçuzeiro possuir um elevado e reconhecido potencial econômico, havendo, atualmente um significativo aumento na área de plantio dessa cultura, grande parte da sua exploração no Estado da Bahia não utiliza técnicas adequadas de manejo. Entre os fatores que contribuem para essa situação, pode-se mencionar a inexistência de produtores de mudas de qualidade. O cupuaçuzeiro pode ser propagado por semente ou vegetativamente, sendo de interesse identificar métodos que proporcionem a formação de mudas de qualidade em menor tempo, possibilitando a multiplicação de genótipos selecionados e adaptados à região produtora. O trabalho visa avaliar condições adequadas de armazenamento de sementes e métodos de estaquia e enxertia para o cupuaçuzeiro na região sul da Bahia.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Vanessa de Oliveira Almeida - Integrante / Edivânia Sousa Vieira - Integrante / José Basílio Vieira Leite - Integrante / Ana Cristina Vello Loyola Dantas - Coordenador., Financiador(es): Comissão Executiva do Plano da Lavoura Cacaueira - Cooperação.

  • 2005 - 2006

    Propagação de fruteiras tropicais: jenipapeiro e cupuaçuzeiro, Descrição: Sementes de jenipapeiros, obtidas de frutos maduros e extração manual, serão submetidas à secagem sob condição ambiente por 24, 96 e 168 horas, proporcionando redução no grau de umidade a ser determinada pelo método de estufa a 105 C, por 24 horas. Em seguida, as sementes serão semeadas, sob condição de campo e de lgerminador, imediatamente após cada período de secagem, sendo parte das sementes embaladas em saco plástico e armazenada em geladeira (10C), por 30, 60, 90 e 120 dias. A cada semeadura, as sementes serão submetidas aos tratamentos pré-germinativos: sem embebição, embebição em água e em regulador "N-large" por 12 horas. A semeadura será realizada em papel germiteste, sob condição de germinador a 28C, utilizando-se delineamento inteiramente casualizado com quatro repetições de 25 sementes, em esquema fatorial 3 (grau de umidade) X 4 (período de armazenamento) X 3 (tratamentos pré-germinativos), num total de 36 tratamentos. Serão avaliados a percentagem de germinação e o índice de velocidade de germinação. Os dados serão submetidos à análise de variância e as médias dos tratamentos comparadas por teste de Tukey a 5 % de probabilidade, com análise de regressão para grau de umidade. Sementes de frutos maduros de cupuaçuzeiro, após retirada manual da polpa, serão semeadas em sacos plásticos com diferentes substratos, sob condição de telado a 50% de luminosidade. Será utilizado delineamento em blocos casualizados com quatro repetições de 25 sementes, avaliando-se percentagem de germinação, índice de velocidade de emergência, desenvolvimento da planta, mediante tomada de dados de altura da planta, diâmetro do caule, número de folhas, massa fresca e seca da raiz e parte aérea aos 30, 60, 90 e 120 dias após a semeadura. Os dados serão submetidos à análise de variância e teste de médias.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Vanessa de Oliveira Almeida - Integrante / Edivânia Sousa Vieira - Integrante / Ana Cristina Vello Loyola Dantas - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa., Número de produções C, T & A: 4

  • 2004 - 2006

    Propagação do jenipapeiro, Descrição: Genipa americana L., conhecida popularmente como jenipapo ou jenipá, é uma fruteira de potencial exploração econômica tanto na produção de polpa in natura, quanto de corantes, doces, licores. Por suportar longos períodos sob condições de alagamento, o jenipapo tem sido utilizado como espécie promissora em modelos de recuperação de áreas degradadas de mata ciliar. A propagação do jenipapo é feita normalmente, por sementes, sendo os métodos de propagação assexuada pouco mencionados na literatura. O objetivo deste trabalho é estudar formas de propagação do jenipapeiro, visando a produção de mudas de qualidade em menor tempo. Ação 1: Avaliação do desenvolvimento de plantas em diferentes substratos, utilizando-se terra vegetal, terra vegetal mais barro, terra vegetal mais vermiculita, terra vegetal mais vermiculita e barro, em delineamento em blocos casualizados com quatro repetições e 100 plantas por parcela. Serão determinados altura e diâmetro da planta, número de folhas, massa fresca e seca da parte aérea e da raiz em seis avaliações mensais ou até as plantas atingirem diâmetro para realização da enxertia (cerca de 1 cm). Ação 2: Plantas resultantes do ensaio anterior serão enxertadas por método determinado em experimento prévio, visando avaliar a influência dos substratos utilizados no pegamento e desenvolvimento das mudas. Serão avaliados: percentagem de pegamento e sobrevivência do enxerto, altura, diâmetro e número de folhas do enxerto aos 30, 60 e 90 dias após a brotação, em experimento em blocos casualizados com quatro repetições e mínimo de 10 plantas por parcela. Ação 3: Capacidade de enraizamento de estacas de diferentes diâmetros e submetidas a diferentes dosagens de ácido giberélico, avaliando-se percentagem de enraizamento, número, comprimento, massa fresca e seca das raízes, percentagem de estacas com brotações. As análises estatísticas envolvem a análise de variância, comparação de médias, conforme o experimento.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Vanessa de Oliveira Almeida - Integrante / Manoel Prado Neto - Integrante / Ana Cristina Vello Loyola Dantas - Coordenador / Elvis Lima Vieira - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa., Número de produções C, T & A: 1

  • 2004 - 2005

    Propagação de Fruteiras Tropicais: jaqueira, jenipapeiro-liso, pitombeira, pinheira e jambeiro., Descrição: A fruticultura desempenha um papel importante no cenário socioeconômico do Brasil, sendo nosso país um dos principais centros de diversidade genética de espécies frutíferas nativas e naturalizadas. Apesar disso, os esforços para assegurar a conservação da biodiversidade e consequentemente dos recursos genéticos ainda são insuficientes, levando perda da variabilidade genética. Diante desse fato, é necessário coletar, caracterizar e conservar o germoplasma de fruteiras para trabalhos atuais e futuros de melhoramento.Para o desenvolvimento de programas com esse objetivo, o ponto de partida é a multiplicação das plantas pela via sexual ou vegetativa, necessitando-se conher os processos pelos quais os vegetais se propagam, os mecanismos envolvidos, as condições ambientais necessárias, a morfologia e a fisiologia da espécie.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Vanessa de Oliveira Almeida - Integrante / Ana Cristina Vello Loyola Dantas - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa., Número de produções C, T & A: 8

  • 2004 - 2005

    PRODUÇÃO DE PORTA-ENXERTO DE JAQUEIRA EM DIFERENTES SUBSTRATOS, Descrição: A jaqueira (Artocarpus integrifolia L.) é originária da Índia, sendo muito popular em países do Sudeste da Ásia e da África. A planta fornece frutos que são comercializados quase que exclusivamente para consumo in natura nos mercados locais ou para serem industrializados artesanalmente sob a forma de doces, compotas, passas, sorvetes etc., mas apesar da grande aceitação da fruta no mercado consumidor, ainda são poucos os trabalhos científicos com esta espécie. As jaqueiras podem ser propagadas por sementes ou vegetativamente. Quando propagadas por sementes apresentam grande variação no tamanho, forma e qualidade dos frutos, por isso é recomendada a propagação vegetativa. Sampaio (1989) obteve 57,5 % de pegamento com o método de garfagem fenda inteira e 67,5% com a garfagem à inglesa simples. A propagação da jaqueira pelo método da alporquia apresentou 90% de pegamento, com enraizamento aos 60 dias. Entre os fatores importantes para produção de mudas de qualidade, em menor tempo, está o substrato, que deve se caracterizar por apresentar disponibilidade de aquisição e transporte, riqueza em nutrientes essenciais, ausência de patógenos, pH, textura e estrutura adequados. O presente trabalho teve por objetivo avaliar a influência do substrato no desenvolvimento inicial da plantas de jaqueira, visando a produção de porta-enxertos. Os resultados mostraram que a germinação e o índice de velocidade de emergência não são afetados pelos substratos: terriço, terriço+esterco bovino, terriço+substrato comercial, terriço+esterco caprino. O uso de terriço associado ou não a substrato comercial proporciona melhores condições para todas as variáveis de crescimento observadas: altura de planta, comprimento da raiz, massa fresca da raiz, da haste e das folhas, massa seca da raiz, da haste e das folhas. A adição de esterco caprino no substrato não é aconselhada para a produção de porta-enxertos ou mudas de jaqueira.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Vanessa de Oliveira Almeida - Integrante / Ana Cristina Vello Loyola Dantas - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa., Número de produções C, T & A: 3

  • 2003 - 2005

    Cultura da pinheira: caracterização de frutos, germinação e atributos de qualidade requeridos pelo sistema de comercialização, Descrição: O trabalho teve como objetivos caracterizar frutos da pinheira (Annona squamosa L.) provenientes do município de Presidente Dutra-BA, avaliar a germinação de sementes de pinha submetidas a tratamentos pré-germinativos e armazenamento e identificar os atributos de qualidade dos frutos requeridos pelo sistema de comercialização no CEASA de Salvador-BA. Caracterizou-se oito frutos de 30 plantas quanto a características físicas e químicas, observando-se variabilidade para a maioria das características avaliadas com a formação de dez grupos distintos, de acordo com a análise dos componentes principais, formados pelos caracteres massa do fruto, da polpa, da casca e número de sementes. Para a avaliação da germinação, sementes extraídas de frutos maduros foram submetidas a escarificação com lixa, vinagre de álcool, choque térmico (24 horas a -18C), embebição em Stimulate , ácido giberélico a 400 mg L-1, isolados e em associação, num total de dez tratamentos. O experimento foi conduzido em germinador, em delineamento inteiramente casualizado com quatro repetições de 25 sementes em três diferentes períodos de armazenamento sob refrigeração (0, 30 e 60 dias). Houve efeito dos tratamentos e do armazenamento na percentagem de germinação e no índice de velocidade de germinação, constatando-se que ácido giberélico associado ou não ao uso de lixa e de vinagre, bem como o choque térmico foram favoráveis para a superação da dormência em pinha. Pesquisa realizada com atacadistas do CEASA de Salvador mostrou que o tamanho dos frutos é o principal atributo para a classificação da pinha, sendo a espessura da casca importante para a manutenção da qualidade dos frutos no transporte.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Vanessa de Oliveira Almeida - Integrante / Marilia Souza Salomão - Integrante / Ana Cristina Vello Loyola Dantas - Coordenador / Saulo Almeida Sousa - Integrante / Mateus Santos Machado - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa., Número de produções C, T & A: 6

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Prêmios

2013

Trabalho premiado: Influência da temperatura na germinação de sementes de Ricinus communis L., I Simpósio da Rede de Recursos Genéticos Vegetais.

2008

Monção de Aplausos, Congratulações e Reconhecimento, Poder Legislativo- Câmara Municipal de Cruz das Almas.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

2019 - Atual

Clinica Medica Instituto Cardioimagem Ltda

Vínculo: , Enquadramento Funcional:

2019 - Atual

Faculdade Maria Milza

Vínculo: Docente do PPGBiotec, Enquadramento Funcional: Professor Permanente PPGBiotec, Carga horária: 20

Outras informações:
Docente do quadro Permanente do Mestrado Profissional do Programa de Pós-Graduação em Biotecnologia (PPGBiotec/ FAMAM); Docente Orientador do PPGBiotec/ FAMAM.

2018 - Atual

Faculdade Maria Milza

Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Assistente do Mestrado em Biotecnologia, Carga horária: 20

Outras informações:
Vice coordenadora do PPGBiotec

2017 - Atual

Faculdade Maria Milza

Vínculo: Docente do PMPDRMA, Enquadramento Funcional: Professor Permanente PMPDRMA, Carga horária: 20

Outras informações:
Docente do Quadro Permanente do Programa de Mestrado Profissional em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente (PMPDRMA/FAMAM); Docente Orientador do Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente (PMPDRMA/FAMAM).

2016 - Atual

Faculdade Maria Milza

Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Docente dos Cursos de Graduação da FAMAM, Carga horária: 20

Outras informações:
Ministra as disciplinas nos cursos de Nutrição e Farmácia.

Atividades

  • 10/2019

    Conselhos, Comissões e Consultoria, Mestrado Profissional em Biotecnologia, .,Cargo ou função, Membro do Colegiado de Coordenação Didática (CCD).

  • 01/2019

    Pesquisa e desenvolvimento , Mestrado Profissional em Biotecnologia, .,Linhas de pesquisa

  • 01/2019

    Ensino, Mestrado Profissional em Biotecnologia, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, Metodologia da Pesquisa e Estruturação do Trabalho Científico, Biodiversidade e Recursos Genéticos

  • 01/2019

    Treinamentos ministrados , Mestrado Profissional em Biotecnologia, .,Treinamentos ministrados, Professor Orientador de Aluno Regular e especial do Cursos de Mestrado em Biotecnologia

  • 09/2018

    Direção e administração, Mestrado Profissional em Biotecnologia, .,Cargo ou função, Vice-Coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Biotecnologia.

  • 01/2018

    Treinamentos ministrados , Graduação, .,Treinamentos ministrados, Professor Orientador de Iniciação Científica , Programa de Bolsas de Iniciação Científica ? PROINC, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia (FAPESB)

  • 02/2017

    Treinamentos ministrados , Mestrado em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente, .,Treinamentos ministrados, Professor Orientador de Aluno Regular do Cursos de Mestrado em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente

  • 01/2017

    Treinamentos ministrados , Graduação em Nutrição, .,Treinamentos ministrados, Orientador de TCC

  • 01/2017

    Treinamentos ministrados , Mestrado em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente, .,Treinamentos ministrados, Professor Orientador de Tirocínio Docente para alunos regulares dos Cursos de Mestrado

  • 01/2017

    Outras atividades técnico-científicas , Graduação e Pós-Graduação, Graduação e Pós-Graduação.,Atividade realizada, Membro do Grupo de Pesquisa Biodiverdidade.

  • 09/2016

    Ensino, Farmácia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Bromatologia, Tecnologia de Alimentos

  • 09/2016

    Ensino, Nutrição, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Bromatologia, Tecnologia de Alimentos

  • 09/2016

    Treinamentos ministrados , Graduação em Farmácia, .,Treinamentos ministrados, Orientador de TCC

  • 01/2018 - 12/2018

    Ensino, Farmácia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Pesquisa em Saúde

2014 - 2016

Universidade Federal do Recôncavo da Bahia

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Pós-doutoranda, Carga horária: 40

2011 - 2014

Universidade Federal do Recôncavo da Bahia

Vínculo: Estudante, Enquadramento Funcional: Doutoranda, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

2009 - 2011

Universidade Federal do Recôncavo da Bahia

Vínculo: Estudante, Enquadramento Funcional: Mestranda, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

2008 - 2008

Universidade Federal do Recôncavo da Bahia

Vínculo: Aluna Especial, Enquadramento Funcional: Aluna Especial do Mestrado

Outras informações:
Aluna especial do Programa de Pós-Graduação em Ciências Agrárias da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.

2008 - 2008

Universidade Federal do Recôncavo da Bahia

Vínculo: Aluna Especial do Mestrado, Enquadramento Funcional: Aluna Especial do Mestrado

Outras informações:
Aluna especial do Programa de Pós-Graduação em Recursos Genéticos Vegetais da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia

2007 - 2008

Universidade Federal do Recôncavo da Bahia

Vínculo: Bolsista PIBIC/CNPq, Enquadramento Funcional: Estagiaria, Carga horária: 20

Outras informações:
Plano de Trabalho: Caracterização de genótipos de jaqueira no Recôncavo Baiano

2006 - 2007

Universidade Federal do Recôncavo da Bahia

Vínculo: bolsista Pibic/Cnpq, Enquadramento Funcional: Estagiaria, Carga horária: 20

Outras informações:
Plano de trabalho: Época de Enxertia e tipo de garfo para produção vegetativa de jaqueira e jenipapeiro

Atividades

  • 08/2007

    Estágios , Centro de Ciências Agrárias, Biologicas e Ambientais, .,Estágio realizado, Caracterização de genótipos de jaqueira no Recôncavo Baiano.

  • 08/2014 - 08/2014

    Treinamentos ministrados , Centro de Ciências Agrárias, Ambientais e Biológicas, .,Treinamentos ministrados, ministrou curso sobre Software livre e editoração eletrônica na disciplina Seminário I no Programa de Pós-Graduação em Ciências Agrárias

  • 04/2014 - 08/2014

    Ensino, Ciências Agrárias, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, CCA 518- Seminário I em Ciências Agrárias

  • 05/2011 - 05/2011

    Treinamentos ministrados , Centro de Ciências Agrárias, Ambientais e Biológicas, .,Treinamentos ministrados, Ministrou palestra, Ministrou palestra sobre a Utilização e preenchimento do curriculum lattes no Programa de Pós-Graduação em Recursos Genéticos Vegetais

  • 04/2011 - 04/2011

    Treinamentos ministrados , Centro de Ciências Agrárias, Ambientais e Biológicas, .,Treinamentos ministrados, Ministrou palestra sobre Periódicos Capes On-line No programa de Pós-Graduação em Recursos Genéticos Vegetais na disciplina Seminários em Recursos Genéticos Vegetais

  • 08/2006 - 07/2007

    Estágios , Centro de Ciências Agrárias, Biologicas e Ambientais, .,Estágio realizado, Época de Enxertia e tipo de garfo para produção vegetativa de jaqueira e jenipapeiro.

2005 - 2006

Universidade Federal da Bahia

Vínculo: Bolsista PIBIC/CNPq, Enquadramento Funcional: Estagiaria, Carga horária: 20

Outras informações:
Propagação de fruteiras tropicais: jenipapeiro e cupuaçuzeiro

2004 - 2006

Universidade Federal da Bahia

Vínculo: Bolsista Pibic/CNPq, Enquadramento Funcional: Estágiaria, Carga horária: 20

2004 - 2005

Universidade Federal da Bahia

Vínculo: Bolsista PIBIC/CNPq, Enquadramento Funcional: Estagiaria, Carga horária: 20

Outras informações:
Propagação de Fruteiras Tropicais: Jaqueira, jenipapeiro-liso, pitombeira, pinheira e jambeiro

2003 - 2004

Universidade Federal da Bahia

Vínculo: Colaboradora, Enquadramento Funcional: Estagiaria voluntária, Carga horária: 10

Outras informações:
Participou das atividades desenvolvidas pelo Grupo Fruticultura Tropical

2004 - 2017

Grupo de Pesquisa Fruticultura Tropical

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Estagiária e colaboradora, Carga horária: 20

2003 - 2004

Grupo de Pesquisa Fruticultura Tropical

Vínculo: Estágiaria, Enquadramento Funcional: Estagiária voluntária, Carga horária: 20

2011 - Atual

Núcleo de Melhoramento Genético e Biotecnologia

Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pós- doutoranda, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

2003 - 2004

Programa de Educação Tutorial

Vínculo: Estágiaria, Enquadramento Funcional: Estagiária, Carga horária: 20