Maria Inês Santos do Sacramento

Possui ensino-medio-segundo-grau pelo Colégio Albert Einstein(2015). Atualmente é da Universidade Federal de São Paulo.

Informações coletadas do Lattes em 19/10/2019

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Graduação em andamento em Nutrição

2018 - Atual

Universidade Federal de São Paulo

Graduação em andamento em Nutrição

2016 - Atual

Universidade do Estado de Minas Gerais

Ensino Médio (2º grau)

2013 - 2015

Colegio Albert Einstein

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2016 - 2017

Inglês- instrumental. (Carga horária: 40h). , Universidade Aberta Integrada de Minas Gerais, UAITEC, Brasil.

2016 - 2017

Inglês- básico. (Carga horária: 40h). , Universidade Aberta Integrada de Minas Gerais, UAITEC, Brasil.

2016 - 2016

Avaliação nutricional no paciente grave. (Carga horária: 1h). , Universidade do Estado de Minas Gerais, UEMG, Brasil.

2016 - 2016

Introdução à Programação Neurolinguística. (Carga horária: 3h). , Universidade do Estado de Minas Gerais, UEMG, Brasil.

2016 - 2016

Aleitamento Materno. (Carga horária: 3h). , Universidade do Estado de Minas Gerais, UEMG, Brasil.

2016 - 2016

HORTA COMUNITÁRIA E PLANTAS MEDICINAIS. (Carga horária: 30h). , Universidade do Estado de Minas Gerais, UEMG, Brasil.

2016 - 2016

Workshop: Coach de Emagrecimento. (Carga horária: 3h). , Universidade do Estado de Minas Gerais, UEMG, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

2º Semana Universitária da Nutrição. 2017. (Outra).

6° Desperta Passos.Orientações nutricionais. 2017. (Outra).

A fiscalização do CRN9 mais perto de você. 2017. (Outra).

Cultivando Sonhos.Orientações para hipertensão arterial e diabetes. 2017. (Outra).

Festival Gastronômico Encantos & Sabores do Sul de Minas.Rotina de cozinha profissional. 2017. (Outra).

Os primeiros mil dias de vida da criança- A importância do nascer e crescer saudável. 2017. (Outra).

Programas de autocontrole em indústrias de alimentos( Laticínios LARA). 2017. (Outra).

14º Semana Universitária de Nutrição. 2016. (Outra).

1º Ciclo de Debates Estudantis. 2016. (Outra).

1º Seminário "Agroecologia e Saúde"- Saúde do Trabalhador e Alimentação Saudável. 2016. (Outra).

2º Semana de Enfermagem Integrada de Passos. 2016. (Outra).

5º DESPERTA PASSOS.Desenvolvendo ações na área da saúde. 2016. (Outra).

Agroecologia e Saúde. 2016. (Seminário).

Liderança. 2016. (Outra).

NUTRIÇÃO: prevenção e tratamento do diabetes, hipertensão e dislipidemia. 2016. (Outra).

Nutrição na Era da informação. 2016. (Outra).

Passos em Ação no Combate à Hipertensão.Atividades de aferição de peso, estatura, IMC, e orientações nutricionais aos presentes. 2016. (Outra).

Políticas de saúde mental no Âmbito do álcool, crack e outras drogas nas diferentes vertentes. 2016. (Outra).

Programa Nacional de Suplementação de Vitamina A. 2016. (Outra).

Segurança do Paciente. 2016. (Outra).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Jussara de Castro Almeida

O QUE É UMA ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL? APRESENTAÇÃO E AVALIAÇÃO DE MATERIAL DIDÁTICO; 2017; Iniciação Científica - Universidade do Estado de Minas Gerais, Programa de Apoio à Extensão da UEMG; Orientador: Jussara de Castro Almeida;

Daniel Henrique Bandoni

A (in) segurança alimentar e nutricional e sua relação com o consumo alimentar a partir da NOVA classificação; Início: 2019; Iniciação científica (Graduando em Nutrição) - Universidade Federal de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; (Orientador);

Daniel Henrique Bandoni

A (in) segurança alimentar e nutricional e sua relação com o consumo alimentar a partir da classificação NOVA; 2018; Iniciação Científica; (Graduando em Nutrição) - Universidade Federal de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Daniel Henrique Bandoni;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • ALMEIDA, J.C. ; ROCHEDO, C.A.L. ; SACRAMENTO, M. I. S. ; OLIVEIRA, M.T. . UIA ALIMENTAR PARA A POPULAÇÃO BRASILEIRA: COMPLEMENTAÇÃO POR MEIO DE REPRESENTAÇÕES GRÁFICAS. REVISTA BRASILEIRA DE OBESIDADE, NUTRIÇÃO E EMAGRECIMENTO , v. 12, p. 316-328, 2018.

  • ALMEIDA, J.C. ; SACRAMENTO, M. I. S. ; FERREIRA, I.M.V. . AVALIAÇÃO NUTRICIONAL DE MULHERES PRATICANTES DE EXERCÍCIO FÍSICO. In: 19º Seminário de Pesquisa e Extensão da UEMG, 2017, Passos-MG. 19º Seminário de Pesquisa e Extensão da UEMG, 2017.

  • ALMEIDA, J.C. ; OLIVEIRA, M.T. ; ROCHEDO, C.A.L. ; SACRAMENTO, M. I. S. ; FERREIRA, I.M.V. ; SANTOS, M. . GUIA ALIMENTAR PARA A POPULAÇÃO BRASILEIRA: COMPLEMENTAÇÃO POR MEIO DE UMA REPRESENTAÇÃO GRÁFICA. In: 19º Seminário de Pesquisa e Extensão da UEMG, 2017, Passos-MG. 19º Seminário de Pesquisa e Extensão da UEMG, 2017.

  • ALMEIDA, J.C. ; SACRAMENTO, M. I. S. ; OLIVEIRA, M.T. ; FERREIRA, I.M.V. ; ROCHEDO, C.A.L. ; SANTOS, M. . O QUE É UMA ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL? APRESENTAÇÃO E AVALIAÇÃO DE MATERIAL DIDÁTICO. In: 19º Seminário de Pesquisa e Extensão da UEMG, 2017, Passos-MG. 19º Seminário de Pesquisa e Extensão da UEMG, 2017.

  • ALMEIDA, J.C. ; ROCHEDO, C.A.L. ; SACRAMENTO, M. I. S. ; OLIVEIRA, M.T. . GUIA ALIMENTAR PARA A POPULAÇÃO BRASILEIRA: ELABORAÇÃO E AVALIAÇÃO DE MATERIAL DIDÁTICO.. In: 19º Seminário de Pesquisa e Extensão da UEMG, 2017, Passos-MG. 19º Seminário de Pesquisa e Extensão da UEMG, 2017.

  • ALMEIDA, J.C. ; ROCHEDO, C.A.L. ; SACRAMENTO, M. I. S. ; OLIVEIRA, M.T. . GUIA ALIMENTAR PARA A POPULAÇÃO BRASILEIRA: COMPLEMENTAÇÃO POR MEIO DE REPRESENTAÇÕES GRÁFICAS.. REVISTA BRASILEIRA DE OBESIDADE, NUTRIÇÃO E EMAGRECIMENTO , 2018.

  • ALMEIDA, J.C. ; OLIVEIRA, M.T. ; ROCHEDO, C.A.L. ; FERREIRA, I.M.V. ; SACRAMENTO, M. I. S. ; SANTOS, M. . GUIA ALIMENTAR PARA A POPULAÇÃO BRASILEIRA: COMPLEMENTAÇÃO POR MEIO DE UMA REPRESENTAÇÃO GRÁFICA. 2017. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • ALMEIDA, J.C. ; ROCHEDO, C.A.L. ; SACRAMENTO, M. I. S. ; OLIVEIRA, M.T. . GUIA ALIMENTAR PARA A POPULAÇÃO BRASILEIRA: ELABORAÇÃO E AVALIAÇÃO DE MATERIAL DIDÁTICO. 2017. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • ALMEIDA, J.C. ; SACRAMENTO, M. I. S. ; OLIVEIRA, M.T. ; FERREIRA, I.M.V. ; ROCHEDO, C.A.L. ; SANTOS, M. . O QUE É UMA ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL? APRESENTAÇÃO E AVALIAÇÃO DE MATERIAL DIDÁTICO. 2017. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • ALMEIDA, J.C. ; SACRAMENTO, M. I. S. ; FERREIRA, I.M.V. . AVALIAÇÃO NUTRICIONAL DE MULHERES PRATICANTES DE EXERCÍCIO FÍSICO. 2017. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2018 - Atual

    A (in) segurança alimentar e nutricional e sua relação com o consumo alimentar a partir da NOVA classificação, Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Maria Inês Santos do Sacramento - Coordenador / Ana Laura Benevenuto de Amorim - Integrante / Daniel Henrique Bandoni - Integrante.

  • 2017 - 2018

    GUIA ALIMENTAR PARA A POPULAÇÃO BRASILEIRA: COMPLEMENTAÇÃO POR MEIO DE UMA REPRESENTAÇÃO GRÁFICA, Descrição: Guias alimentares são instrumentos educativos que traduzem recomendações nutricionais técnico-científicas em mensagens diretas, curtas, positivas e culturalmente aceitas, que orientam a população-alvo de cada país a selecionar e consumir alimentos nutritivos, habituais e tradicionais que contribuem para uma vida saudável. Cabe ressaltar que as mensagens, podem ser complementadas por uma representação gráfica, na forma de um símbolo, ícone, que represente o país. Como se sabe, o guia alimentar para a população brasileira não possui uma representação gráfica que facilite o trabalho do educador nutricional e represente o nosso país. Assim, propõe-se este trabalho com o objetivo de apresentar uma representação gráfica inicial de fácil compreensão e que complemente a nova edição do guia alimentar brasileiro. Após a avaliação da mesma, espera-se construir um símbolo final para que o mesmo possa ser utilizado como uma ferramenta de educação nutricional e incorporado ao guia brasileiro. Trata-se de um estudo de campo, de natureza qualitativa, participativa e quantitativa. O delineamento amostral utilizado será o não probabilístico por conveniência. Participarão do estudo, mediante a assinatura do Termo de Consentimento Livre e Esclarecido (TCLE), nutricionistas docentes do curso de nutrição, acadêmicos de curso de nutrição e clientes do Centro de Atendimento Nutricional (CAN), da Universidade do Estado de Minas Gerais (UEMG), unidade de Passos. Para avaliação da representação gráfica será utilizada a técnica de grupos focais. Serão levantadas informações sobre idade, prática de atividade física, trabalho, sexo, estado nutricional e nível econômico dos participantes. Será realizada estatística descritiva para todas as variáveis independentes de estudo (idade, sexo, prática de atividade física, trabalho, nível econômico e estado nutricional). Para elaboração final da representação gráfica (variável dependente), a análise qualitativa será baseada nos verbos: compreender e interpretar; e os substantivos: experiência, vivência, senso comum e ação social... , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Maria Inês Santos do Sacramento - Coordenador / Jussara de Castro Almeida - Integrante / Mariane Teixeira de Oliveira - Integrante / Isabela Moreira de Vasconcelos Ferreira - Integrante / Marcelo dos Santos - Integrante / Carlos Aluízio Leal Rochedo - Integrante.

  • 2016 - 2016

    Qualidade de vida do cuidador informal de idosos com doença de Alzheimer, Descrição: Nos últimos anos, o Brasil vem apresentando um novo padrão demográfico caracterizado pela redução do crescimento populacional, modificando sua composição etária, com aumento do contingente de idosos. A Organização Mundial de Saúde define o idoso de acordo com a idade cronológica, ressaltando que a pessoa idosa é aquela com 60 anos ou mais nos países em desenvolvimento, e aquelas com 65 anos ou mais nos países desenvolvidos. Acompanhando o processo de envelhecimento populacional, cresce também a incidência de doenças crônico-degenerativas como as demências, que se tornarão cada vez mais presentes na Saúde Pública. Entre essas demências, destaca-se a doença de Alzheimer, que leva a pessoa a depender de acompanhamento contínuo no decorrer do curso clínico, ou seja, necessita de um cuidador, que pode ser um membro da família, denominado de cuidador informal. O cuidador informal está sujeito a várias situações estressantes, como o peso das tarefas a ser desenvovlvidas, assim como as doenças advindas das exigências do trabalho e das características do idoso cuidado. Essa situação pode levar ao estresse, interferindo na qualidade de vida deste cuidador. Assim, avaliar a qualidade de vida dos cuidadores informais de idosos com DA, pode ajudar a direcionar estratégias para a melhora e a manutenção da saúde física e mental desses indivíduos.... , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Especialização: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Maria Inês Santos do Sacramento - Integrante / Vilma Elenice Contatto Rossi - Coordenador / Gladson Junior Costa Silva - Integrante.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional