Ana Carolina Andalecio Prado

Possui graduação em História pela Pontifícia Universidade Católica de Goiás(2011). Atualmente é Professora Titular da Escola Instituto Espaço Aberto. Tem experiência na área de História.

Informações coletadas do Lattes em 29/06/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Graduação em História

2008 - 2011

Pontifícia Universidade Católica de Goiás
Orientador: Paulo Rodrigues Ribeiro
Bolsista do(a): Organização das Voluntárias de Goiás.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2003 - 2006

Técnico em Meio Ambiente. (Carga horária: 870h). , Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

Grande área: Ciências Humanas / Área: História.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

IV Curso de Atualização de Conhecimento Introdução aos estudos Africanos e Afro-Brasileiros. 2012. (Outra).

Cinema Negro na PUC Goiás: " Atlântico Negro; Na rota dos Orixás". 2011. (Outra).

IX Simpósio Anual do HGSR- Formação e Integração Latino-Americana e Caribenha. 2010. (Simpósio).

Café Filosófico; " A Coluna Preste". 2010. (Encontro).

9º Encontro Internacional ANPHLAC. 2010. (Encontro).

6ª Semana de Cultura e Cidadania PUC Goiás-. 2010. (Outra).

" O Renascimento Cultural á luz da Idade Média. 2010. (Outra).

" O Patrimônio Art Déco de Goiânia". 2010. (Outra).

VIII Semana de História e III Colóquio de Pesquisas da História. 2010. (Outra).

VIII Semana de História e III Colóquio de Pesquisas da História.Traduções Religiosas na Prancha "Enterro de uma negra", de Jean Batiste Debret (1816-1831). 2010. (Outra).

O Príncipe, de Maquiavel, como argumento e como objetivo, a Política como Ciência. 2008. (Outra).

"Luta Popular na América Latina: A Comuna de Oaxaca( México)". 2008. (Outra).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Lúcia de Fátima Lobo Cortez Amado

AMADO, L. F. L. C.. A presença feminina no candomblé no Brasil: estudos de caso-Mãe Meninha do Cantois. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Pontifícia Universidade Católica de Goiás.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • PRADO, A. C. A. . Traduções Religiosas na Prancha "Enterro de uma negra", de Jean Batiste Debret (1816-1831). 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • PRADO, A. C. A. . As imagens de Jean-Batiste Debret (1816-1831) e o nascimento do Brasil. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • PRADO, A. C. A. . " Que Política é esta?". 2003. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2010 - 2011

    A presença feminina no candomblé do Brasil- Estudo de caso: Mãe Menininha do Gantois, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

2012 - Atual

Escola Instituto Espaço Aberto

Vínculo: Professora Titular, Enquadramento Funcional: Professora Titular, Carga horária: 24

2010 - 2011

Pontifícia Universidade Católica de Goiás

Vínculo: Outro (especifique), Enquadramento Funcional: Graduanda