Aline Cristina Velho

Engenheira Agrônoma com doutorado em Recursos Genéticos Vegetais, ênfase em Fitopatologia pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC-CCA) e mestrado em Produção Vegetal pela Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC-CAV). Realizou estágio pós-doutoral na "Unit of Environmental Chemistry and Interactions with Living Organisms" - Littoral Côte d'Opale University, França (ULCO/UCEIV) e no Laboratório de Fitopatologia da UFSC-CCA . Tem experiência na área de Fitopatologia e Fisiologia Vegetal, atuando principalmente nos seguintes temas: respostas de defesa da planta a estresses bióticos, indução de resistência em plantas à fitopatógenos, resistência não-hospedeira, identificação molecular de fitopatógenos, fisiologia e tecnologia pós-colheita de frutas. Atualmente realiza estágio pós-doutoral no programa de Pós-Graduação em Agroecossistemas (UFSC).

Informações coletadas do Lattes em 17/06/2019

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em Recursos Genéticos Vegetais

2011 - 2015

Universidade Federal de Santa Catarina
Título: Diversidade e mecanismos associados à virulência de Colletotrichum spp. em macieira (Malus domestica Borkh.)
Orientador: em Universidad de la Republica - Facultad de Agronomía ( Pedro Mondino)
com Marciel João Stadnik. Coorientador: Pedro Mondino. Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Palavras-chave: Malus domestica; Colletotrichum spp; Filogenia; Patogenicidade; Enzimas extracelulares; Espécies reativas de oxigênio. Grande área: Ciências AgráriasSetores de atividade: Agricultura, Pecuária e Serviços Relacionados.

Mestrado em Produção Vegetal

2007 - 2009

Universidade do Estado de Santa Catarina
Título: Fisiologia e Preservação da qualidade pós-colheita de Goiaba Serrana [Acca sellowiana (Berg.) Burret],Ano de Obtenção: 2009
Cassandro Vidal Talamini do Amarante.Palavras-chave: Fruto; Respiração; Etileno; Amadurecimento; Distúrbios fisiológicos; Atmosfera de Armazenagem. Grande área: Ciências AgráriasSetores de atividade: Agricultura, Pecuária e Serviços Relacionados.

Graduação em Agronomia

2002 - 2007

Universidade do Estado de Santa Catarina
Título: Fisiologia e Tecnologia Pós-Colheita de maçãs
Orientador: Cristiano André Steffens

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Pós-doutorado

2018

Pós-Doutorado. , Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil. , Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. , Grande área: Ciências Agrárias, Grande Área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Fitossanidade.

2017 - 2018

Pós-Doutorado. , Université du Littoral Côte d'Opale, ULCO, França. , Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. , Grande área: Ciências Agrárias, Grande Área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Fitossanidade / Especialidade: Fitopatologia.

2015 - 2017

Pós-Doutorado. , Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil. , Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. , Grande área: Ciências Agrárias, Grande Área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Fitossanidade / Especialidade: Fitopatologia.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2019 - 2019

Componente Solo nos Sistemas de ILPF. (Carga horária: 10h). , Instituto CNA/SENAR, CNA/SENAR, Brasil.

2017 - 2017

Ciclo de Formação Docente. (Carga horária: 3h). , Universidade do Sul de Santa Catarina, UNISUL, Brasil.

2017 - 2017

Produção de Mudas e Manejo Produtivo na Silvicultura. (Carga horária: 30h). , Instituto CNA/SENAR, CNA/SENAR, Brasil.

2016 - 2016

Identificação Polifásica de Fungos Filamentosos. (Carga horária: 8h). , Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.

2014 - 2014

RT-PCR (Rotor-Gene Qiagen). (Carga horária: 20h). , Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.

2014 - 2014

Fitopatologia em verso e prosa. (Carga horária: 4h). , Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.

2012 - 2012

Identificación molecular de fitopatógenos. (Carga horária: 40h). , Universidad de la Republica - Facultad de Agronomía, UDELAR-FAGRO, Uruguai.

2010 - 2010

Meio Ambiente. (Carga horária: 10h). , Instituto CNA/SENAR, CNA/SENAR, Brasil.

2010 - 2010

Educação e Qualificação Profissional. (Carga horária: 6h). , Instituto CNA/SENAR, CNA/SENAR, Brasil.

2010 - 2010

Pobreza Rural. (Carga horária: 4h). , Instituto CNA/SENAR, CNA/SENAR, Brasil.

2010 - 2010

Direito de Propriedade. (Carga horária: 6h). , Instituto CNA/SENAR, CNA/SENAR, Brasil.

2010 - 2010

Trabalho Decente. (Carga horária: 8h). , Instituto CNA/SENAR, CNA/SENAR, Brasil.

2010 - 2010

Abastecimento e Renda. (Carga horária: 6h). , Instituto CNA/SENAR, CNA/SENAR, Brasil.

2009 - 2009

Competências Transversais em Empreendedorismo.. (Carga horária: 14h). , SENAI - Departamento Regional de Santa Catarina, SENAI/DR/SC, Brasil.

2009 - 2009

Competências Transversais em Educação Ambiental. (Carga horária: 14h). , SENAI - Departamento Regional de Santa Catarina, SENAI/DR/SC, Brasil.

2008 - 2008

Italiano Básico. (Carga horária: 25h). , Centro Cultural de Idiomas, CCI, Brasil.

2008 - 2008

Avaliação da Uniformidade e Eficiência de Sistemas de Irrigação. (Carga horária: 20h). , Universidade do Estado de Santa Catarina, UDESC, Brasil.

2008 - 2008

Basic English Conversation. (Carga horária: 32h). , Centro Cultural de Idiomas, CCI, Brasil.

2007 - 2007

Energia Alternativa. (Carga horária: 20h). , Universidade do Estado de Santa Catarina, UDESC, Brasil.

2007 - 2007

Technic English Translation. (Carga horária: 40h). , Centro Cultural de Idiomas, CCI, Brasil.

2005 - 2005

Florestas Nativas. (Carga horária: 12h). , Universidade do Estado de Santa Catarina, UDESC, Brasil.

2005 - 2005

Avaliação de Sistemas de Irrigação Localizada. (Carga horária: 20h). , Universidade do Estado de Santa Catarina, UDESC, Brasil.

2004 - 2004

Capacitação em Produção de Vinho. (Carga horária: 8h). , Universidade do Estado de Santa Catarina, UDESC, Brasil.

2003 - 2003

Agricultura Ecológica (Ipê-RS). (Carga horária: 12h). , Universidade do Estado de Santa Catarina, UDESC, Brasil.

2000 - 2000

Getting Started. (Carga horária: 114h). , Centro de Cultura Anglo Americana, CCAA, Brasil.

1999 - 1999

Intermediate English. (Carga horária: 32h). , Centro Cultural de Idiomas, CCI, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Espanhol

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Português

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Francês

Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Pouco.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia.

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Fitossanidade/Especialidade: Fitopatologia.

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Fitotecnia.

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Fitotecnia/Especialidade: Fisiologia e tecnologia pós-colheita.

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Botânica / Subárea: Fisiologia Vegetal.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

VELHO, ALINE C. ; STADNIK, M. J. ; FREITAS, M. B. . II Simpósio Latino-americano sobre Bioestimulantes na Agricultura e IX Reunião Brasileira sobre Indução de Resistência em Plantas a Patógenos. 2018. (Congresso).

VELHO, ALINE C. ; STADNIK, M. J. ; FREITAS, M. B. . I Simpósio Latino-americano sobre Bioestimulantes na Agricultura (SLABA). 2017. (Congresso).

VELHO, Aline Cristina . VIII Congresso Brasileiro de Micologia. 2016. (Congresso).

STADNIK, MARCIEL J. ; VELHO, Aline Cristina . Curso-Aplicações e metodologias envolvendo Arabidopsis thaliana no estudo das interações patógeno-hospedeiro. 2013. (Outro).

Membros SUFIT ; VELHO, Aline Cristina . 2º Jornada Bianual de Fitopatologia. 2012. (Congresso).

VELHO, ALINE CRISTINA . XI SEPEX-Semana de Ensino Pesquisa e Extensão da UFSC. 2012. (Exposição).

VELHO, Aline Cristina . 44º Congresso Brasileiro de Fitopatologia. 2011. (Congresso).

VELHO, A.C. . II Encontro Catarinense de Fitossanidade. 2011. (Congresso).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

70th International Symposium on Crop Protection.Ulvans are effective in controlling powdery mildew in bread wheat. 2018. (Simpósio).

II Simpósio sobre Bioestimulantes na Agricultura e IX Reunião Brasileira sobre Indução de Resistência em Plantas contra Patógenos.Eficiência de ulvana no controle do oídio no trigo. 2018. (Simpósio).

Journées Francophones des Mycorhizes. 2018. (Seminário).

Les Journées Condorcet.Ulvan-induced defense responses against powdery mildew in wheat. 2018. (Simpósio).

12º SENAFRUT - Seminário Nacional sobre Fruticultura de Clima Temperado. 2016. (Seminário).

VIII Congresso Brasileiro de Micologia. Diversidade de espécies de Colletotrichum na cultura da macieira. 2016. (Congresso).

47° Congresso Brasileiro de Fitopatologia. Duas novas espécies de Colletotrichum patogênicas à macieira no sul do Brasil. 2014. (Congresso).

XXII Congreso Peruano y XVII Congreso Latinoamericano de Fitopatología. Identificación molecular de Colletotrichum spp. causantes de la mancha foliar de glomerella en manzano en el sur de Brasil. 2013. (Congresso).

11° Semana de Ensino Pesquisa e Extensão da UFSC.Clínica Fitopatológica e Controle de doenças de plantas. 2012. (Encontro).

2ªJornada Bianual de Fitopatología.Patogenicidade em frutos de isolados de Colletotrichum spp. provenientes de folhas e frutos de macieira. 2012. (Encontro).

44º Congresso Brasileiro de Fitopatologia. Efeito de ulvana sobre a formação in vitro de estruturas pré-infectivas de Colletotrichum gloeosporioides. 2011. (Congresso).

Workshop sobre Diversidade, processo infeccioso e métodos de controle deColletotrichum spp. na macieira.Metodologia para esporulação de C. gloeosporioides e Estudos de resistência a Mancha foliar de Glomerella. 2011. (Outra).

V Simpósio Nacional do Morango, VI Encontro sobre Pequenas Frutas e Frutas Nativas do Mercosul.UTILIZAÇÃO DO 1-MCP NA PRESERVAÇÃO DA QUALIDADE PÓS-COLHEITA DURANTE O ARMAZENAMENTO REFRIGERADO EM GOIABA SERRRANA. 2010. (Simpósio).

I Workshop Sul Americano sobre Acca sellowiana. 2009. (Encontro).

XII Congresso Brasileiro de Fisiologia Vegetal. Efeito da reaplicação do 1-MCP na preservação da qualidade pós-colheita de goiaba serrana. 2009. (Congresso).

63º DEFTARA-Curso de Defesa Fitossanitária, Tecnologia de Aplicação e Receituário Agronômico. 2008. (Encontro).

IV SEMINÁRIO ESTADUAL DE AGROECOLOGIA. 2008. (Seminário).

XVII Seminário de Iniciação Científica da UDESC. 2008. (Encontro).

XX Congresso Brasileiro de Fruticultura e 54th Annual Meeting of the american Society for Tropical Horticulture. ALTERAÇÕES DA QUALIDADE DE GOIABEIRA-SERRANA APÓS A COLHEITA. 2008. (Congresso).

XXVI Congresso Brasileiro da Ciência das Plantas Daninhas. Decréscimo no pH do solo aumenta a porcentagem de germinação de sementes de Myrcia bombycina. 2008. (Congresso).

Projeto Arte Vida Verde. 2007. (Encontro).

X ENFRUTE.Avaliação dos benefícios do 1-MCP em caqui cv. Fuyu destinado a exportação em ambiente refrigerado. 2007. (Encontro).

2º SEMERCAR - Seminário Catarinense de Mercado de Créditos de Carbono. 2006. (Seminário).

Encontro de Monitoria. 2006. (Encontro).

V Jornada Catarinense de Plantas Medicinais e I Jornada Intenacional de Plantas Medicinais. 2006. (Congresso).

XIV Semana Acadêmica de Agronomia. 2005. (Seminário).

XV Seminário de Iniciação Científica.EFEITO DO ABSORVEDOR DE ETILENO A BASE DE PERMANGANATO DE POTÁSSIO NA PRESERVAÇÃO DA QUALIDADE PÓS-COLHEITA DE MAÇÃS ARMAZENADAS EM ATMOSFERA CONTROLADA SAFRA 2004-2005. 2005. (Seminário).

FERTBIO - XXVI Reunião Brasileira de Fertilidade do Solo. 2004. (Simpósio).

XIII Semana Acadêmica de Agronomia. 2004. (Seminário).

29º Congresso Brasileiro de Ciência do Solo. 2003. (Congresso).

Dia da Divulgação da Pesquisa em Agronomia. 2003. (Seminário).

VII Fórum Catarinense de Floricultura. 2003. (Encontro).

VIII Jornada Acadêmica e XIII Seminário de Iniciação Científica. 2003. (Seminário).

XII Semana Acadêmica de Agronomia. 2003. (Seminário).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

Aluno: Lida Julieth Caicedo Gegen

MONDINO, P.;VELHO, ALINE CRISTINADI PIERO, R. M.. Avaliação de compostos bioativos no controle da mancha foliar de Glomerella em macieira. 2019. Dissertação (Mestrado em Pós-Graduação em Recursos Genéticos Vegetais) - Universidade Federal de Santa Catarina.

Aluno: Josiane Cecilia Darolt

VELHO, Aline Cristina; ARISI, A. C. M.; LOPES, S. A.;DI PIERO, R. M.. Expressão gênica em laranja doce (Citrus sinensis L. Osbeck) em resposta à aplicação de Acibenzolar-S-Metilico e à infecção por Candidatus Liberibacter asiaticus. 2016. Dissertação (Mestrado em Recursos Genéticos Vegetais) - Universidade Federal de Santa Catarina.

Aluno: Juliana Mattana

STADNIK, MARCIEL J; GIANCHINI, A. J.; DUARTE, R. T. D.; VIEIRA, B. A. H.;VELHO, ALINE CRISTINADI PIERO, R. M.. Caracterização de bactérias endofíticas para o controle da mancha bacteriana do tomateiro. 2017. Tese (Doutorado em Biotecnologia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

Aluno: Mathias Ferrari Rockenbach

VELHO, Aline Cristina; ARISI, A. C. M.;DI PIERO, R. M.; MONDINO, P.; ARAUJO, L.;STADNIK, MARCIEL J.. Estrutura genética de Colletotrichum fructicola e mecanismos de defesa da macieira (Malus domestica Borkh.) à mancha foliar de Glomerella. 2016. Tese (Doutorado em Recursos Genéticos Vegetais) - Universidade Federal de Santa Catarina.

Aluno: Tarsis de Aguiar

DI PIERO, R. M.VELHO, Aline Cristina; STADNIK, MARCIEL J; MAZARO, S. M.; WUFF, N. A.; SHMIDT, E. C.. Frações polissacarídicas de fungos (Saccharomyces cerevisiae, Pleurotus ostreatus e Lentiinula edodes) na indução de resistência em tomate (Solanum lycopersicum L.) contra Xanthomonas gardneri. 2016. Tese (Doutorado em Recursos Genéticos Vegetais) - Universidade Federal de Santa Catarina.

Aluno: Caroline Luiz

DI PIERO, R. M.VELHO, Aline Cristina; MAZARO, S. M.; VOLTOLINI, J. A.. Óleos essenciais, polissacarídeos e suas nanoemulsões no controle de doenças de importância agronômica para o morangueiro. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Pós-Graduação em Recursos Genéticos Vegetais) - Universidade Federal de Santa Catarina.

Aluno: Marlon Cristiano de Borba

VELHO, Aline Cristina; REIGNAULT, P.; SOARES, C. F. S.;STADNIK, M. J.. Screening de indutores de resistência para o controle de Fusarium oxysporum f.sp. phaseoli no feijoeiro (Phaseolus vulgaris). 2015.

Aluno: Naiana Rodrigues de Souza

SANTOS, C. M. R.; FREITAS, M. B.;VELHO, Aline Cristina. Comparação da eficiência entre produtos químicos no manejo da Mancha amarela (Drescslera tritici-repentis) na cultura do trigo (Triticum aestivum L.). 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

Aluno: Carolinna Vieira de Cisne

STADNIK, M. J.VELHO, Aline CristinaROCKENBACH, M. F.. Identificação e avaliação patogênica de isolados de Colletotrichum fructicola causadores de mancha foliar de Glomerella em macieira. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

Aluno: Bruna Rodrigues

DI PIERO, R. M.STADNIK, M. J.VELHO, Aline Cristina. Controle da mancha angular do morangueiro (Xanthomonas fragariae) com o polissacarídeo da babosa (Aloe barbadensis). 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

Aluno: Amanda Emy Gonçalves

VELHO, Aline CristinaSTADNIK, M. J.; FREITAS, M. B.. Formação e desenvolvimento de estruturas pré-infectivas de Colletotrichum gloeosporioides in vitro sob efeito de ulvana. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Cristiane Pellizzaro Batalha

BATALHA, Cristiane Pellizzaro; STEFFENS, Cristiano A.; DREHMER. Amanda. Fisiologia e Tecnologia Pós-colheita. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade do Estado de Santa Catarina.

Cristiano André Steffens

Amarante, Cassandro Vidal Talamini doARGENTA, L.C.STEFFENS, Cristiano André. Fisiologia e preservação da qualidade pós-colheita de goiaba serrana (Acca sellowiana (berg.) Burret). 2009. Dissertação (Mestrado em Produção Vegetal) - Universidade do Estado de Santa Catarina.

Cristiano André Steffens

STEFFENS, Cristiano André; DREHMER, A.F.; BATALHA, C.P.. Fisiologia Pós-colheita. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade do Estado de Santa Catarina.

Amanda Maria Furtado Drehmer

DREHMER, A. M. F.; STEFFENS, C. A.;AMARANTE, C. V. T.. Fisiologia e Tecnologia Pós-Colheita. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Centro de Ciências Agroveterinárias.

Cassandro Vidal Talamini do Amarante

ARGENTA, Luiz CarlosSteffens, C.A.AMARANTE, C. V. T.. FISIOLOGIA E PRESERVAÇÃO DA QUALIDADE PÓS-COLHEITA DE GOIABA SERRANA [Acca sellowiana (Berg.) Burret]. 2009. Dissertação (Mestrado em Produção Vegetal) - Universidade do Estado de Santa Catarina.

Robson Marcelo Di Piero

STADNIK, M. J.Di Piero, Robson M.; LOVATO, P.E.; Arisi, A.C.. Análise da diversidade de Colletotrichum spp. e mecanismos associados à capacidade infectiva em folhas na macieira.. 2015. Tese (Doutorado em Recursos Genéticos Vegetais) - Universidade Federal de Santa Catarina.

Robson Marcelo Di Piero

STADNIK, M. J.DI PIERO, R. M.; MONDINO, P.. Diversidade de Colletotrichum spp. em macieira.. 2013. Exame de qualificação (Doutorando em Recursos Genéticos Vegetais) - Universidade Federal de Santa Catarina.

Paulo Emílio Lovato

Lovato, P. E.; Stadnik M. J.; ARISI, Ana Carolina Maisonnave; Di Piero R. M.; Sanhueza, R. M. V.; Alaniz, S.. Diversidade e mecanismos associados à virulência de Colletotrichum spp. em macieira (Malus domestica Borkh.). 2015. Tese (Doutorado em Recursos Genéticos Vegetais) - Universidade Federal de Santa Catarina.

LUIZ CARLOS ARGENTA

AMARANTE, C. V. T.STEFFENS, C. A.ARGENTA, L. C.; BOFF, M. I. C.. Fisiologia e Preservação da Qualidade Pós-Colheita de Goaba Serrana [Acca sellowiana (Berg.) Burret]. 2009. Dissertação (Mestrado em Produção Vegetal) - Universidade do Estado de Santa Catarina.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Orientou

Guilherme Fernandes Zappellini

Desenvolvimento da mancha foliar de Glomerella em macieira tratada com ulvana e estruturas reprodutivas de C; fructicola; ; 2017; Dissertação (Mestrado em Pós-Graduação em Recursos Genéticos Vegetais) - Universidade Federal de Santa Catarina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Coorientador: Aline Cristina Velho;

Lucas Solle

Resistência não hospedeira em interações entre plantas de Arabidopsis e macieira inoculadas com C; fructicola e C; higginsianum; 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Federal de Santa Catarina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Aline Cristina Velho;

Fernanda Varella Garrastazu

Resistência não hospedeira em interações entre plantas de Arabidopsis e macieira inoculadas com C; frucłcola e C; higginsianum; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Federal de Santa Catarina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Aline Cristina Velho;

Vinicius Kuhn

Mecanismos e identificação de fontes de resistência da macieira à mancha foliar de Glomerella; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Federal de Santa Catarina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Aline Cristina Velho;

Carolinna Vieira de Cisne

Caracterização da variabilidade de Colletotrichum spp; da macieira; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Federal de Santa Catarina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Aline Cristina Velho;

Carolinna Vieira de Cisne

Diversidade, processo infeccioso e métodos de controle de colletotrichum spp; na macieira; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Federal de Santa Catarina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Aline Cristina Velho;

Naiana Rodrigues de Souza

Caracterização da variabilidade de Colletotrichum spp; na macieira; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Federal de Santa Catarina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Aline Cristina Velho;

Catarina Corrêa Puttkammer

Avaliação da resistência e de mecanismos de defesa bioquímicos da macieira a isolados de Colletotrichum spp; ; 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Federal de Santa Catarina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Aline Cristina Velho;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Cristiano André Steffens

Fisiologia e preservação da qualidade pós-colheita de goiaba serrana (Acca sellowiana (Berg; ) Burret); 2009; Dissertação (Mestrado em Produção Vegetal) - Universidade do Estado de Santa Catarina,; Coorientador: Cristiano André Steffens;

Cristiano André Steffens

Fisiologia Pós-Colheita; 2007; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Agronomia) - Universidade do Estado de Santa Catarina; Orientador: Cristiano André Steffens;

Cassandro Vidal Talamini do Amarante

Fisiologia e preservação da qualidade pós-colheita de goiaba serrana [Acca sellowiana (Berg; ) Burret]; 2009; Dissertação (Mestrado em Mestrado em Produção Vegetal) - Universidade do Estado de Santa Catarina,; Orientador: Cassandro Vidal Talamini do Amarante;

LUIZ CARLOS ARGENTA

Fisiologia e tecnologia pós-colheita; 2007; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Agronomia) - Universidade do Estado de Santa Catarina; Orientador: Luiz Carlos Argenta;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • 2018 ROCKENBACH, MATHIAS F ; VELHO, Aline Cristina ; ALANIZ, SANDRA ; STADNIK, MARCIEL J . Resistance of apple leaves to infection by Colletotrichum fructicola acts independently of hypersensitive reaction and PR-1 and PR-10 gene expression. Tropical Plant Pathology , p. 1-11, 2018.

  • 2018 VELHO, Aline Cristina ; MONDINO, PEDRO ; STADNIK, MARCIEL J. . Extracellular enzymes of Colletotrichum fructicola isolates  associated to Apple bitter rot and Glomerella leaf spot. MYCOLOGY (PRINT) , v. 9, p. 1-10, 2018.

  • 2018 VELHO, Aline Cristina ; STADNIK, MARCIEL J. ; WALLHEAD, MATTHEW . Unraveling Colletotrichum species associated with Glomerella leaf spot of apple. Tropical Plant Pathology , v. ., p. 1-8, 2018.

  • 2018 DALL?ASTA, PÂMELA ; VELHO, Aline Cristina ; PEREIRA, TOMÁS PELLIZZARO ; STADNIK, MARCIEL JOÃO ; ARISI, ANA CAROLINA MAISONNAVE . Herbaspirillum seropedicae promotes maize growth but fails to control the maize leaf anthracnose. PHYSIOLOGY AND MOLECULAR BIOLOGY OF PLANTS , v. ., p. 1-10, 2018.

  • 2017 STADNIK, MARCIEL J ; VELHO, Aline Cristina ; ROCKENBACH, MATHIAS F ; ALANIZ, SANDRA ; MONDINO, PEDRO . Genetic and pathogenic diversity of Colletotrichum species associated with apple diseases in Southern Brazil and Uruguay. Acta Horticulturae , v. 1, p. 1, 2017.

  • 2017 CISNE, C. V. ; VELHO, Aline Cristina ; ROCKENBACH, MATHIAS F ; STADNIK, MARCIEL J . Variação morfo-cultural e agressividade de Colletotrichum fructicola em um pomar de macieira em Fraiburgo-SC. AGROPECUÁRIA CATARINENSE , v. 30, p. 66-72, 2017.

  • 2016 ROCKENBACH, MATHIAS F. ; VELHO, ALINE C. ; GONÇALVES, AMANDA E. ; MONDINO, PEDRO E. ; ALANIZ, SANDRA M. ; STADNIK, MARCIEL J. . Genetic Structure of Associated to Apple Bitter Rot and Glomerella Leaf Spot in Southern Brazil and Uruguay. Phytopathology , v. 106, p. 774-781, 2016.

  • 2016 VELHO, Aline Cristina ; ROCKENBACH, MATHIAS F. ; MONDINO, PEDRO ; STADNIK, MARCIEL J. . Modulation of oxidative responses by a virulent isolate of Colletotrichum fructicola in apple leaves. Fungal Biology , v. 120, p. 1184-1193, 2016.

  • 2016 CASANOVA, LETICIA ; HERNÁNDEZ, LAURA ; MARTÍNEZ, ERIKA ; VELHO, Aline Cristina ; ROCKENBACH, MATHIAS F ; STADNIK, MARCIEL J. ; ALANIZ, SANDRA ; MONDINO, PEDRO . First report of Glomerella leaf spot of apple caused by Colletotrichum fructicola in Uruguay. PLANT DISEASE , v. 101, p. 834, 2016.

  • 2016 GONÇALVES, AMANDA EMY ; VELHO, Aline Cristina ; STADNIK, MARCIEL J. . Formation of conidial anastomosis tubes and melanization of appressoria are antagonistic processes in Colletotrichum spp. from apple. European Journal of Plant Pathology , v. 146, p. 497-506, 2016.

  • 2015 VELHO, Aline Cristina ; ALANIZ, SANDRA ; CASANOVA, LETICIA ; MONDINO, PEDRO ; STADNIK, MARCIEL JOÃO . New insights into the characterization of Colletotrichum species associated with apple diseases in southern Brazil and Uruguay. Fungal Biology , v. 119, p. 1-229-244, 2015.

  • 2013 VELHO, Aline Cristina ; STADNIK, MARCIEL J. ; CASANOVA, LETICIA ; MONDINO, PEDRO ; ALANIZ, SANDRA . First report of Colletotrichum karstii causing Glomerella leaf spot on apple in Santa Catarina state, Brazil. Plant Disease , v. 98, p. 130731135532006-157, 2013.

  • 2013 VELHO, Aline Cristina ; STADNIK, MARCIEL J. ; CASANOVA, LETICIA ; MONDINO, PEDRO ; ALANIZ, SANDRA . First report of Colletotrichum nymphaeae causing apple Bitter rot in southern Brazil. Plant Disease , p. 131004125157000-567, 2013.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

VELHO, ALINE CRISTINA . Parecer Ad-hoc para Journal of Plant Diseases and Protection. 2019.

VELHO, ALINE CRISTINA . Parecer Ad-hoc para Plant Disease. 2019.

VELHO, ALINE CRISTINA . Parecer Ad-hoc para Revista de Ciências Agroveterinárias. 2018.

VELHO, ALINE CRISTINA . Parecer Ad-hoc para Tropical Plant Pathology. 2017.

VELHO, ALINE CRISTINA . Parecer Ad-hoc para Tropical Plant Pathology. 2017.

VELHO, ALINE CRISTINA . Avaliação de resumos científicos para I Simpósio Latino-americano sobre Bioestimulantes na Agricultura. 2017.

VELHO, ALINE CRISTINA . Parecer Ad-hoc para Tropical Plant Pathology. 2017.

VELHO, ALINE CRISTINA . Parecer Ad-hoc para Tropical Plant Pathology. 2016.

VELHO, ALINE CRISTINA . Parecer Ad-hoc para Tropical Plant Pathology. 2016.

VELHO, ALINE CRISTINA . Parecer Ad-hoc para Tropical Plant Pathology. 2016.

VELHO, ALINE CRISTINA . Parecer Ad-hoc para Tropical Plant Pathology. 2016.

VELHO, ALINE CRISTINA . Parecer Ad-hoc para Physiological and Molecular Plant Pathology. 2016.

VELHO, ALINE CRISTINA . Avaliação de resumos científicos para VII Congresso Brasileiro de Micologia. 2016.

VELHO, ALINE CRISTINA . Parecer Ad-hoc para Tropical Plant Pathology. 2015.

VELHO, ALINE CRISTINA . Parecer Ad-hoc para Plant Disease. 2015.

VELHO, ALINE CRISTINA . Parecer Ad-hoc para Plant Disease. 2014.

VELHO, ALINE CRISTINA . Avaliação de resumos científicos para 44º Congresso Brasileiro de Fitopatologia. 2011.

STADNIK, MARCIEL JOÃO ; VELHO, Aline Cristina . Minicurso:Diagnose de Doenças de Plantas. 2015. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

VELHO, Aline Cristina ; ROCKENBACH, M. F. ; FELIPINI, R. B. ; ROCHA NETO, A. C. ; BLAINSKI, J. L. . Manejo de doenças vegetais : Perspectivas e Possibilidades. 2013. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2019 - Atual

    Manejo de pragas e doenças no sistema de produção do morango orgânico, Descrição: A necessidade da produção de frutas seguras, sem comprometer a integridade do meio ambiente e do produtor é uma realidade. Assim, o trabalho tem como principal objetivo estudar e monitorar as principais pragas e doenças associadas ao sistema de produção do morango orgânico e definir as melhores estratégias de manejo da cultura.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Aline Cristina Velho - Coordenador / STADNIK, MARCIEL J - Integrante / Alex Sandro Poltronieri - Integrante / Vanessa Fernandes Soares - Integrante.

  • 2016 - Atual

    BIOSTIMALG: Bioestimulação de plantas por moléculas de origem algal, Descrição: Este projeto tem por objetivo geral estudar o efeito bioestimulante de moléculas de origem algal, especialmente polissacarídeos, sobre o desenvolvimento e controle de doenças fúngicas de plantas. Na França, as atividades de pesquisa serão conduzidas, neste primeiro período, nas dependências dos laboratórios da ULCO em Calais sob supervisão dos Dr. Philippe Reignault, bem como do Instituto Superior de Agricultura em Lille, sob supervisão do Dr. Ali Siah. Em Calais,se irá avaliar sob condições controladas a atividade bioestimulante (BS) (crescimento de planta e metabolismo primário) e indutora de resistência (IR) de diferentes polissacarídeos algais em trigo (Triticum aestivum) contra duas doenças foliares: o Oídio (Blumeria graminis f. sp. tritici) e a Septoriose (Zimoseptoria tritici). Será estudada a expressão de genes e atividade de enzimas relacionados ao sistema de defesa das plantas de trigo. Em Lille, irão se testar e comparar diferentes polissacarídeos algais no controle da Septoriose (Zimoseptoria tritici) do trigo, avaliar o seu efeito in vitro sobre o crescimento micelial, e determinar a atividade das enzimas endo--1,4-xylanase e endo- -1,3-glucanase durante a fase necrotrófica de Zimoseptoria tritici. No mesmo período, a equipe brasileira, sob coordenação do Prof. Marciel J. Stadnik, irá avaliar e estudar o efeito de polissacarídeos algais para controlar doenças do feijoeiro (Phaseolus vulgaris), a saber, a murcha de Fusarium (Fusarium oxysporum f. sp. phaseoli) e a antracnose (Colletotrichum lindemuthianum). Além de possibilitar nesta primeira fase, o aperfeiçoamento no exterior de um pós-doutorando e dourando sandwich, o projeto contribuirá para o entendimento comparativo do modo de ação de polissacarídeos algais em monocotiledôneas (trigo) e dicotiledôneas (feijão), o que poderá, pelo ineditismo, resultar em publicações internacionais de algo impacto entre os dois grupos envolvidos. Os objetivos específicos deste projeto de cooperação CAPES-COFECUB são: 1) Testar comparativamente a eficiência de laminarana, oligoulvanas e trealose para controlar o oídio e a septoriose do trigo. 2) Testar comparativamente a eficiência de laminarana, oligoulvanas e trealose para controlar a antracnose e a murcha de fusarium do feijoeiro. 3) Testar comparativamente a eficiência de laminarana, oligoulvanas e trealose para controlar a mancha foliar de Glomerella da macieira. 4) Elucidar os mecanismos de defesa ativados por ulvanas contra o oídio do trigo. 5) Elucidar possíveis mecanismos de defesa ativados por trealose ou laminarana em feijoeiro.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Aline Cristina Velho - Integrante / Marciel João Stadnik - Coordenador / Mateus Brusco de Freitas - Integrante / Ana Carolina Maisonave Arisi - Integrante / Marlon Cristiano de Borba - Integrante / ROCKENBACH, MATHIAS F - Integrante / Philippe Reignault - Integrante / Paula Astolfi - Integrante / Ali SIAH - Integrante / DALL?ASTA, PÂMELA - Integrante.

  • 2016 - Atual

    Respostas de defesa da macieira (Malus domestica Borkh.) contra a mancha foliar de Glomerella, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Marciel João Stadnik em 29/06/2016., Descrição: A crescente exigência dos consumidores por alimentos livres de agrotóxicos, o aumento nos custos da produção, problemas de contaminação ambiental e a ocorrência de microorganismos resistentes, vêm impulsionando o desenvolvimento de métodos alternativos para o controle de doenças de plantas. Dentro desse contexto, a indução de resistência apresenta alto potencial de uso. Estudos realizados no Laboratório de Fitopatologia da UFSC vêm demonstrando que oligossacarídeos obtidos do polissacarídeo algal ulvana têm a capacidade de induzir resistência da macieira (Malus domestica) à mancha foliar de Glomerella (MFG). Assim, o presente projeto tem por objetivo estudar alterações na expressão pós-infeccional de proteínas-PR e no metabolismo oxidativo em macieiras tratadas por oligossacarídeos de ulvana (oligoulvanas). Para tanto, plântulas suscetíveis serão inoculadas aos 6 dias após a pulverização com uma fração de oligoulvanas (UD5). Plantas testemunhas serão tratadas com água. Plantas suscetíveis e plantas com resistência cultivar-específica servirão como testemunhas negativa e positiva, respectivamente. As amostras serão coletadas às 0, 6, 12, 24 e 48 horas após a inoculação e serão avaliadas quanto à: 1) expressão dos genes envolvidos na síntese das proteínas relacionadas à patogênese PR-1, PR-2 (glucanases), PR-5, PR-8 (quitinases), PR-9 (peroxidases) e PR-10 (ribonucleases); 2) atividade das enzimas ascorbato peroxidase (APX), catalase (CAT), glutationa redutase (GLR) guaiacol peroxidase (GPX) e superóxido dismutase (SOD); 3) níveis de peróxido de hidrogênio (H2O2) e do íon superóxido (O2-) nos tecidos das plantas; 4) desenvolvimento microscópico do processo infeccioso e o acúmulo de peróxido de hidrogêno em células de folhas inoculadas com C. fructicola, em macieiras resistentes e suscetíveis, tratadas ou não com oligo-ulvana. Com a execução deste projeto, espera-se contribuir para a elucidação dos sistemas de defesa atuantes na resistência induzida por oligoulvanas e, também, na resistência cultivar-específica da macieira a Colletotrichum fructicola. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Aline Cristina Velho - Integrante / Marciel João Stadnik - Coordenador / Mateus Brusco de Freitas - Integrante / ROCKENBACH, MATHIAS F. - Integrante / Guilherme Fernandes Zappellini - Integrante / Paula Astolfi - Integrante.

  • 2015 - 2017

    Resistência não hospedeira em interações entre plantas de Arabidopsis e macieira com Colletotrichum spp, Descrição: A resistência não hospedeira (RNH) é a resistência de uma determinada espécie de planta contra a maioria dos microrganismos potencialmente patogênicos, e é caracterizada por ser a forma de resistência mais comum e mais durável. Na RNH os PAMPs de seterminado patógeno são prontamente reconhecidos pelos receptores na membrana celular das plantas. Embora o patógeno produza efetores para tentar suprimir as respostas de defesa primárias, estes podem não ser efetivos em determinadas espécies de plantas, através da ação das proteínas R, tornando-as não hospedeiras para o patógeno. Pouco se conhece a respeito dos mecanismos envolvidos na RNH e a razão pela qual um patógeno é patogênico a uma espécie de planta, enquanto em outras é não. Desta forma, visando a melhor compreensão do processo de infecção de plantas hospedeiras e não hospedeira s, será utilizado o fungo hemibiotrófico do gênero Colletotrichum. O gênero é caracterizado por ser um dos mais importantes em plantas de importância agronômica e que desenvolve diferentes estruturas infectivas in planta. Para estudar os mecanismos de resistência da Arabidopsis e da macieira, plântulas serão inoculadas com C. fructicola e C. higginsianum. O desenvolvimento de estruturas infectivas será monitado após a inoculação por técnicas microscópicas. Na análise histoquímica, a reação de hipersensibilidade (RH) será contabilizada, bem como a formação de papilas e deposição de calose. . As atividades das enzimas peroxidase, catalase, glutationa redutase e glucanase serão monitoradas até a 72 horas após a inoculação. Espera-se entender o principal mecanismo de resistência envolvido na RNH. Estes estudos poderão servir como para desenvolver macieiras resistentes à Mancha Foliar de Glomerella, por meio de técnicas biotecnológicas. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Aline Cristina Velho - Integrante / Marciel João Stadnik - Coordenador / Mateus Brusco de Freitas - Integrante / Lucas Solle - Integrante / Fernanda Varella Garrastazu - Integrante.

  • 2012 - 2016

    ColMa - Diversidade, processo infeccioso e métodos de controle de Colletotrichum spp. na macieira, Descrição: Descrição: Dentro do Programa Capes PPCP-Mercosul, o presente projeto busca aprimorar os conhecimentos das espécies de Colletotrichum que afetam o cultivo de macieiras no Brasil e Uruguai, conhecer a sensibilidade aos produtos para seu controle e a suscetibilidade dos cultivares mais plantados. Desta forma, este conhecimento poderá servir de base para elaborar estratégias racionais, que minimizem as perdas e otimizem a qualidade dos frutos. Os Objetivos do projeto são: 1) Criar uma coleção de fungos do gênero Colletotrichum, que causam doenças na cultura da macieira, a partir do isolamento de frutos e folhas doentes provenientes das principais zonas de produção do Brasil e Uruguai; 2) Avaliar a variabilidade de espécies de Colletotrichum que afetam a macieira na Argentina, no Brasil e no Uruguai, por meio de características morfológicas, fisiológicas e moleculares dos isolamentos; 3) Conhecer a sensibilidade in vitro dos isolamentos aos produtos químicos mais utilizados para o seu controle; 4) Avaliar a eficiência de métodos de controle da podridão amarga em condições de campo; 5) Comparar o processo infeccioso de Colletotrichum spp. e as reações de resistência em folhas de macieira... , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Aline Cristina Velho - Integrante / Marciel João Stadnik - Coordenador / Amanda Emy Gonçalves - Integrante / Pedro Mondino - Integrante / Sandra M. Alaniz - Integrante / Catarina Correa Puttkammer - Integrante / Mathias Ferrari Rockenbach - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Auxílio financeiro / Universidade de la Republica do Uruguai - Cooperação / Universidade Federal de Santa Catarina - Cooperação.

  • 2007 - 2009

    FISIOLOGIA E PRESERVAÇÃO DA QUALIDADE PÓS-COLHEITA DE GOIABA SERRANA, Descrição: O presente estudo teve por objetivos caracterizar as alterações fisiológicas e de qualidade de frutos de goiabeira serrana após a colheita, e determinar os efeitos de diferentes métodos de preservação da qualidade pós-colheita, sobre as características físico-químicas dos frutos.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Aline Cristina Velho - Coordenador / Luiz Carlos Argenta - Integrante / Cristiano André Steffens - Integrante / Cassandro Vidal Talamini do Amarante - Integrante.

  • 2005 - 2007

    QUALIDADE PÓS-COLHEITA DE FRUTOS EM RESPOSTA A FATORES DE MANEJO PRÉ-COLHEITA EM POMARES DE MACIEIRA NOS ESTADOS DE SANTA CATARINA E RIO GRANDE DO SUL., Descrição: O presente projeto foi constituído de quatro sub-projetos, descritos individualmente, a seguir. Todos foram conduzidos com recursos provenientes da Agência Financiadora de Estudos e Projetos (FINEP, com recursos aprovados através do Edital CT-INFRA / Institucional FINEP 03/2001, no valor total de R$ 386.220,00), do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq, com recursos aprovados através do Edital Universal 01/2002, Processo no. 479578/2003-6, Comitê Assessor AG, Modalidade APQ, no valor total de R$ 18.355,65), da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Santa Catarina (FUNCITEC, com recursos aprovados através do Edital 01/2001, no valor total de R$ 13.138,00), da Associação Brasileira de Produtores de Maçãs (ABPM) e recursos da própria instituição (Programa de Apoio a Pesquisa da UDESC, Programa de Bolsas de Iniciação Científica da UDESC e Programa de Mestrado em Ciência do Solo). SUB-PROJETO 1 Título: Efeitos do sombreamento ocasionado pelo emprego de telas anti-granizo na fisiologia das plantas e na qualidade dos frutos, em condições contrastantes de densidade e sistemas de manejo e condução de macieiras . SUB-PROJETO 2 Título: Desenvolvimento de método para avaliar a suscetibilidade de maçãs à incidência de "bitter pit". SUB-PROJETO 3 Título: Análise da fertilidade ampla do solo, diversidade biológica, sanidade das plantas e qualidade de frutos em pomares de macieira conduzidos nos sistemas orgânico e convencional de produção . SUB-PROJETO 4 Título: Maturação e qualidade pós-colheita em maçãs tratadas com aminoetoxivinilglicina (AVG) .. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (8) / Mestrado acadêmico: (4) . , Integrantes: Aline Cristina Velho - Integrante / AMARANTE, C. V. T. - Coordenador / MELO, Giovana Lemos de - Integrante / SALDANHA, Rodolfo - Integrante / PANISSON, Clayton - Integrante / SiILVA, Francielle - Integrante / FRANCESCATTO, Poliana - Integrante / Luiz Carlos Argenta - Integrante / Amanda M. Furtado Drehmer - Integrante / Cristiane Pellizzaro Batalha - Integrante / Davi Werner Ventura - Integrante / Daniela Chaves - Integrante / Paulo Ernani - Integrante / Franciele de Souza - Integrante / Tamara Pereira - Integrante.

  • 2004 - 2005

    EFEITO DO ABSORVEDOR DE ETILENO A BASE DE PERMANGANATO DE POTÁSSIO NA PRESERVAÇÃO DA QUALIDADE PÓS-COLHEITA DE MAÇÃS ARMAZENADAS EM ATMOSFERA CONTROLADA SAFRA 2004-2005, Descrição: O presente trabalho teve por objetivo avaliar os efeitos do estádio de maturação dos frutos, na eficiência de sachês contendo permanganato de potássio em preservar a qualidade pós-colheita de maçãs ?Gala?.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Aline Cristina Velho - Coordenador / AMARANTE, C. V. T. - Integrante / MELO, Giovana Lemos de - Integrante / Cristiane Pellizzaro Batalha - Integrante / Franciele de Souza - Integrante.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências Agrárias. , Rodovia Admar Gonzaga, 1346, Itacorubi, 88034001 - Florianópolis, SC - Brasil, Telefone: (48) 37215423, URL da Homepage:

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2018 - Atual

    Universidade Federal de Santa Catarina

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Pós-doutorado, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Programa de Pós-Graduação em Agroecossistemas (UFSC-CCA)

  • 2015 - 2017

    Universidade Federal de Santa Catarina

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Pós-doutorado, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Programa de Pós-graduação em Recursos Genéticos Vegetais (UFSC-CCA)

  • 2011 - 2015

    Universidade Federal de Santa Catarina

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Doutorando, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Programa de Pós-graduação em Recursos Genéticos Vegetais (UFSC-CCA)

  • 2012 - 2012

    Universidade Federal de Santa Catarina

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista REUNI, Carga horária: 256, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Participação em atividades de apoio pedagógico aos estudantes de graduação da UFSC.

    Atividades

    • 03/2019

      Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Fitopatologia

    • 02/2011

      Pesquisa e desenvolvimento , Centro de Ciências Agrárias, .,Linhas de pesquisa

    • 03/2016 - 09/2017

      Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Diagnose de doenças de plantas

    • 08/2015 - 09/2017

      Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Fitopatologia

    • 10/2016 - 11/2016

      Ensino, Pós-Graduação em Recursos Genéticos Vegetais, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, Interações Moleculares Planta Patógeno

  • 2017 - 2018

    Université du Littoral Côte d'Opale

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Pós-doutorado, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Atividades

    • 10/2017 - 10/2018

      Pesquisa e desenvolvimento , Unité de Chimie Environnementale et Interactions sur le vivant, .,Linhas de pesquisa

  • 2016 - Atual

    Universidade do Sul de Santa Catarina

    Vínculo: Horista, Enquadramento Funcional: Professor

    Atividades

    • 07/2016

      Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Fitopatologia, Floricultura, Paisagismo e Jardinagem, Recursos Florestais

  • 2012 - 2012

    Universidad de la Republica Uruguay

    Vínculo: Doutorado Sandwich, Enquadramento Funcional: Doutorando, Carga horária: 40

    Atividades

    • 03/2012 - 09/2012

      Pesquisa e desenvolvimento , Facultad de Agronomía, .,Linhas de pesquisa

  • 2010 - 2010

    Centro de Educação Profissional Caetano Costa

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor ACT, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Atividades

    • 10/2010 - 12/2010

      Ensino,,Disciplinas ministradas, Defesa Sanitária Vegetal; , Culturas Anuais;, Estudos Regionais;, Silvicultura e Paisagismo;

  • 2008 - 2008

    Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina

    Vínculo: Estágio, Enquadramento Funcional: Estagiária, Carga horária: 40

    Outras informações:
    Laboratório de Fisiologia e Tecnologia Pós-Colheita de frutos.

  • 2007 - 2007

    Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina

    Vínculo: Estágio, Enquadramento Funcional: Estágiária, Carga horária: 40

    Outras informações:
    Laboratório de Fisiologia e Tecnologia Pós-Colheita de frutos