Carlos Fernando Lemos

## PROFESSOR ASSOCIADO I da UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA ## COORDENADOR DO CURSO SUPERIOR EM TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL 2012 - a data atual ## Doutorado em GEOQUÍMICA AMBIENTAL pela Universidade Federal Fluminense com Sandwish na Espanha no Ministério do Meio Ambiente Espanhol - UFF/MMA - Madri (2006) ## Mestrado em CIÊNCIAS AMBIENTAIS pela Universidade de Taubaté - UNITAU (2000) ## Especialização em ENGENHARIA AMBIENTAL- UFRJ / COPPE (1993) ## Especialização em MBA - MASTERS OF BUSINESS ADMINISTRATION - FGV - Fundação Getúlio Vargas em Gerencia de Empreedimento em SMS (Saúde, Meio Ambiente e Segurança) 2007/2008 ## Graduação em METEOROROLOGIA pela Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ (1993). # TRABALHOU NO INSTITUTO NACIONAL DE PESQUISAS ESPACIAIS (INPE) - MINISTÉRIO DA CIÊNCIA E TECNOLOGIA E INOVAÇÃO (MCT) COMO PESQUISADOR NA ÁREA E PREVISÃO DE TEMPO E CLIMATOLOGIA. ## COORDENADOR DAS DISCIPLINAS CURSO SUPERIOR EM TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL e AGRONOMIA : 1) Meteorologia e Climatologia, 2) Monitoramento e Qualidade do ar, 3) Gerenciamento de Resíduos Sólidos, 4) SIG ? Sistema de Informações Geográficas e GPS, 5) Elaboração e Desenvolvimento de Projetos Ambientais e 6) Projeto Final de Curso (TCC). # PROFESSOR DO MESTRADO PROFISSIONAL DO INSTITUTO FEDERAL DE MINAS GERAIS - IFMG - BAMBUÍ : DISCIPLINAS MINISTRADAS : GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS SÓLIDOS E METEOROLOGIA E POLUIÇÃO ATMOSFÉRICA. ## COORDENADOR DOS PROJETOS: 1) PROJETO CIMOS ? Centro Integrado de Monitoramento de Seca do Estado de Minas Gerais. 2) PROPAPEL - Gerenciamento e Controle de Papel e Papelão dentro do campus Universitário. 3) RECICLAÇÃO - Gerenciamento e Controle de Resíduos Sólidos dentro do campus Universitário. Participante e membro do CODEMA - Conselho Municipal de Conservação e Defesa do Meio Ambiente de Florestal - MG Atua como revisor científico na Revista Brasileira de Meteorologia (RBMET), Revista Geociências - UNITAU, Revista Ciência & Natura, participou da COMUNICAÇÃO NACIONAL INICIAL DO BRASIL À CONVENÇÃO-QUADRO DAS NAÇÕES UNIDAS (ONU - NY) SOBRE MUDANÇA DO CLIMA (2004), Possui mais de 81 publicações na Revista CLIMANÁLISE - Aspectos Climáticos e Sinóticos no Brasil (1995- ATUAL). Participo do Conselho Consultivo do INSTITUTO GLOBAL BIOSFERA. ## Experiência na área de Geociências, com ênfase em Meteorologia, atuando nas áreas: METEOROLOGIA, CLIMATOLOGIA, CÁLCULO DE CARBONO, POLUIÇÃO ATMOSFÉRICA, RESÍDUOS SÓLIDOS E MEIO AMBIENTE.

Informações coletadas do Lattes em 09/04/2019

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em Geociências (Geoquímica)

2002 - 2006

Universidade Federal Fluminense
Título: O Índice de Haines como indicador de desenvolvimento de focos de calor no Brasil através do Modelo Regional Eta
John Edmund Lewis Maddock. Bolsista do(a): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ, FAPERJ, Brasil. Palavras-chave: ÍNDICE DE HAINES; FOCOS DE CALOR E QUEIMADAS; MODELAGEM NUMÉRICA; CLIMATOLOGIA SINÓTICA E DINAMICA; MEIO AMBIENTE.Grande área: Ciências Exatas e da TerraGrande Área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Meteorologia.

Mestrado em Ciências Ambientais

1999 - 2000

Universidade de Taubaté
Título: CARACTERIZACÁO E VARIABILIDADE CLIMATICA DO VALE DO PARAÍBA - SP,Ano de Obtenção: 2000
GILBERTO FERNANDO FISCH.Palavras-chave: PREVISÃO DE TEMPO; METEOROLOGIA SINÓTICA; CLIMATOLOGIA SINÓTICA E DINAMICA; Sistemas Frontais do Brasil; VALE DO PARAÍBA; MEIO AMBIENTE. Grande área: Ciências Exatas e da TerraGrande Área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Meteorologia / Especialidade: Climatologia. Grande Área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Meteorologia / Especialidade: Meteorologia Aplicada. Setores de atividade: Desenvolvimento Rural; Planejamento e Gestão das Cidades, Inclusive Política e Planejamento Habitacional; Previsão do Tempo e Prospecção Climática.

Especialização em GERENCIAMENTO EM EMPREENDIMENTOS EM SMS

2007 - 2008

MBA - FUNDAÇÃO GETÚLIO VARGAS
Título: PRODUÇÃO DE ETANOL E O CÁLCULO DO BALANÇO DE CARBONO NAS CULTURAS DE CANA-DE-AÇUCAR SUAS ESTIMATIVAS, VARIABILIDADE NA PRODUÇÃO E SEU GERENCIAMENTO.
Orientador: Prof. Ivan Pricolli Calvo - FGV

Especialização em ENGENHARIA AMBIENTAL

1993 - 1993

Universidade Federal do Rio de Janeiro
Título: CÁLCULO DE DISPERSAO DE POLUENTES NAS USINAS TERMÉLETRICAS DE FURNAS
Orientador: HAROLDO MATOS DE LEMOS

Graduação em METEOROLOGIA

1989 - 1992

Universidade Federal do Rio de Janeiro
Título: nao ocorreu monografia

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Pós-doutorado

2008 - 2009

Pós-Doutorado. , Universidade Federal de Viçosa, UFV, Brasil. , Grande área: Ciências Exatas e da Terra

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2004 - 2004

Curso de treinamento em Meteorologia e Meio Ambien. (Carga horária: 480h). , MINISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE DA ESPANHA - MADRI, INM-MMA, Espanha.

2000 - 2000

Pre-processing module to decode reports. ECMWF Ed. (Carga horária: 100h). , ECMWF ? EUROPEAN CENTRE FOR MEDIUM-RANGER WEATHER FORECASTS, ECMWF, Grã-Bretanha.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Espanhol

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Francês

Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Meteorologia.

    Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Meteorologia/Especialidade: Climatologia.

    Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Meteorologia/Especialidade: Meteorologia Sinótica.

    Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Meteorologia/Especialidade: Meteorologia Aplicada.

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Agrometeorologia.

    Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Cálculo de CARBONO.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

LEMOS, C. F. . FORUM REGIONAL DOS COORDENADORES DE ENGENHARIA AMBIENTAL DO ESTADO DE MINAS GERAIS. 2016. (Congresso).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

SEMANA DO CONHECIMENTO DA FUNDAÇÃO DE PARQUES E JARDINS - BH BH.ESTIMATIVA DO ESTOQUE DE CARBONO PRESENTE NA BIOMASSA VEGETAL ÁRBOREA DO PARQUE MUNICIPAL AMÉRICO RENNÉ GIANNETTI - BH. 2019. (Seminário).

11o FORUM INTERNACIONAL PELO DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL. 2018. (Outra).

I CONGRESSO DE GESTÃO AMBIENTAL DO BAIXO AMAZONAS. MUDANÇAS CLIMATICAS : UM PANORAMA GERAL. 2018. (Congresso).

I SEMANA ACADÊMICA DE ENFERMAGEM E NUTRIÇÃO.PRODUÇÃO DE ALIMENTOS NO MUNDO. 2018. (Outra).

IX CONGRESSO BRASILEIRO DE GESTÃO AMBIENTAL. MUDANÇAS CLIMÁTICAS : UM PANORAMA GLOBAL. 2018. (Congresso).

10o FORUM INTERNACIONAL DE DESENVOLVIMENTO SUSTENTAVEL. 2017. (Outra).

8º FORUM INTERNACIONAL DE RESÍDUOS SÓLIDOS.O CENÁRIO DO GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS DOS SERVIÇOS DE SAÚDE NO BRASIL. 2017. (Outra).

FORUM DE OPORTUNIDADES, MERCADOS SUSTENTÁVEIS E FUTURO. 2017. (Outra).

FÓRUM EFICIÊNCIA ENERGÉTICA. 2017. (Outra).

FÓRUM ESTRATÉGIAS, TECNOLOGIAS, GESTÃO PARA A RESPONSABILIDADE SOCIOAMBIENTAL. 2017. (Outra).

FÓRUM INOVAÇÃO SUSTENTÁVEL. 2017. (Outra).

I SEMINÁRIO DE MEIO AMBIENTE - PROGRAMA DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA DA FACULDADE DE PITÁGORAS DE BETIM.MUDANÇAS CLIMÁTICAS: UM PANORAMA GERAL. 2017. (Seminário).

PRIMEIRA CAMPANHA DA SOLIDARIEDADE DA UFV/FLORESTAL.PRIMEIRA CAMPANHA DA SOLIDARIEDADE DA UFV/FLORESTAL. 2017. (Outra).

Visita técnica a HERINGER fertilizantes S/A.Qualidade do ar dentro de uma plata de produção de fertilizantes. 2017. (Outra).

WORKSHOP INTERNACIONAL - COMO PLANEJAR, DESENVOLVER E COMERCIALIZAR PRODUTOS DE ECOTURISMO PROMOVENDO O DESENVOLVIMENTO DE COMUNIDADES. 2017. (Outra).

9o FORUM INTERNACIONAL DE DESENVOLVIMENTO SUSTENTAVEL. 2016. (Outra).

FÓRUM EFICIÊNCIA ENERGÉTICA. 2016. (Outra).

FÓRUM ESTRATÉGIAS, TECNOLOGIAS, GESTÃO PARA A RESPONSABILIDADE SOCIOAMBIENTAL. 2016. (Outra).

FÓRUM INOVAÇÃO SUSTENTÁVEL - DEBATE 4º RANKING. 2016. (Outra).

I I SEMINÁRIO DE ESTUDANTES DE POS-GRADUAÇÃO(SEP) DA IFMG -UIÍ.O potencial do uso de bicicletas em governos locais como forma de mitigação das emissões de gases de efeito estufa (GEE) - Estudo de caso do Centro Administrativo da Prefeitura Municipal de Betim.. 2016. (Seminário).

MOSTRA DE PROFISSÕES 2016 - UFV - FLORESTAL. O MERCADO DE TRABALHO DO GESTOR AMBIENTAL. 2016. (Feira).

SEMINÁRIO DE EMERGÊNCIA AMBIENTAL 2016 : A IMPORTANCIA DA ATUAÇÃO INTEGRADA NA PREVENÇÃO E RESPOSTA ÀS EMERGENCIAS AMBIENTAIS NA ESCALA DE GRANDES EVENTOS. 2016. (Seminário).

SEMINÁRIO DE MUDANÇAS CLIMÁTICAS E REGIMES AMBIENTAIS INTERNACIONAIS. 2016. (Seminário).

XIII CONGRESSO NACIONAL DE MEIO AMBIENTE. IMPLANTAÇÃO DE TRILHAS ECOLOGICAS PARA EDUCAÇÃO E APRESNTAÇÃO AMBIENTAL DENTRO DE ÁREAS DE MATA ATLÂNTICA. 2016. (Congresso).

3o SIMPÓSIO AMBIENTAL - CANÇÃO NOVA.MUDANÇAS CLIMATICAS UM PANORAMA GERAL. 2015. (Simpósio).

I SEMINÁRIO DE ESTUDANTES DE POS-GRADUAÇÃO(SEP) DA IFMG -UIÍ.A IMPORTÂNCIA DE INVENTÁRIOS DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA (GEE) EM GOVERNOS LOCAIS. 2015. (Seminário).

I SEMINÁRIO DE ESTUDANTES DE POS-GRADUAÇÃO(SEP) DA IFMG -UIÍ.ESTUDO COMPARATIVO DA LEI 12.305/2010 COM AS LEIS DE RESÍDUOS SÓLIDOS DA REPUBLICA FEDERATIVA DA ALEMANHA E DOS ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA. 2015. (Seminário).

I SEMINÁRIO DE ESTUDANTES DE POS-GRADUAÇÃO(SEP) DA IFMG -UIÍ.LEGISLAÇÃO E MEDIDAS TOMADAS DOS PAISES BRASIL, ALEMANHA E JAPÃO SOBRE MUDANÇAS CLIMÁTICAS. 2015. (Seminário).

MOSTRA DE PROFISSÕES DA UFV - CAMPUS FLORESTAL.APRESENTAÇÃO DO CURSO DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL DA UFV. 2015. (Outra).

PLANO METROPOLITANO DE MACROZONEAMENTO RMBH - REGIAO METROPOLITANA DE BELO HORIZONTE. 2015. (Seminário).

VI CONGRESSO BRASILEIRO DE GESTÃO AMBIENTAL. DENSIDADE APARENTE DOS RESÍDUOS DA CONSTRUÇÃO CIVIL EM BELO HORIZONTE - MG. 2015. (Congresso).

VIII Semana de Ciência e Tecnologia do IFMG campus Bambuí I Seminário dos Estudante de Pós Graduação.A Importância de Inventários de Emissões de Gases de Efeito Estufa (GEE) em Governos Locais. 2015. (Seminário).

VIII Semana de Ciência e Tecnologia do IFMG campus Bambuí I Seminário dos Estudante de Pós Graduação.ESTUDO COMPARATIVO DE LEGISLAÇÕES E MEDIDAS TOMADAS SOBRE MUDANÇAS CLIMÁTICAS ENTRE OS PAÍSES BRASIL, ALEMANHA E JAPÃO. 2015. (Seminário).

VIII Simpósio Brasileiro de Engenharia Ambiental.GERENCIAMENTO DOS RESÍDUOS DA CONSTRUÇÃO CIVIL EM BELO HORIZONTE - MG: COMPREENSÃO PARA A IMPLANTAÇÃO NO CANTEIRO DE OBRA. 2015. (Outra).

VIII SIMPÓSIO BRASILEIRO DE ENGENHARIA AMBIENTAL. 2015. (Simpósio).

VI SEMANA DA NUTRIÇÃO.MUDANÇAS CLIMÁTICAS E A SEGURANÇA ALIMENTAR. 2015. (Outra).

XII CONGRESSO NACIONAL DE MEIO AMBIENTE. ANÁLISE DA QUALIDADE DA ILUMINÂNCIA EM SALAS DE AULA E AMBIENTES DE TRABALHO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA. 2015. (Congresso).

XII CONGRESSO NACIONAL DE MEIO AMBIENTE. CÁLCULO DO DIÓXIDO DE CARBONO EQUIVALENTE (CO2e) DAS ATIVIDADES ANTROPOGÊNICAS NA UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA ? FLORESTAL: ANO- BASE DE 2011. 2015. (Congresso).

2o RANKING PRODUTOS E TECNOLOGIAS SUSTENTÁVEIS. 2014. (Outra).

7o DIALOGO DE ABERTURA DO 7o SUSTENTAR: VISÃO E SUSTENTABILIDADE. 2014. (Outra).

7o FEIRA INTERNACIONAL SUSTENTAVEL. 2014. (Feira).

DEBATE: COMO PROMOVER NEGÓCIOS SUSTENTÁVEIS INOVADORESES?. 2014. (Outra).

FORUM CONSTRUÇÃO DE NAÇÃO SUSTENTÁVEL. 2014. (Outra).

II WORKSHOP EM SUSTENTABILIDADE E TECNOLOGIA AMBIENTAL. 2014. (Outra).

IV SEMINÁRIO DE ERGONOMIA E PREV. DE ACIDENTES DE TRABALHOOO... 2014. (Seminário).

I WORKSHOP EM SUSTENTABILIDADE E TECNOLOGIA AMBIENTAL. 2014. (Outra).

MOSTRA DE PROFISSÕES 2014 - UFV - FLORESTAL. O PROFISSIONAL NA ÁREAS DE GESTÃO AMBIENTAL. 2014. (Feira).

OFICINA: A IMPORTÂNCIA DA GESTÃO DA INFORMAÇÃO NO CONTEXTO DO GRIG4. 2014. (Oficina).

SUSTENTAR - 7o FORUM INTERNACIONAL DE DESEV. SUSTENTÁVEL. 2014. (Outra).

V CONGRESO BRASILEIRO DE GESTÃO AMBIENTAL. DISTRIBUIÇÃO ESPACIAL DO ÍNDICE DE HAINES PARA O ESTADO DE MINAS GERAIS UTILIZANDO A ANÁLISE DA MÉDIA ATMOSFERA PERÍODO: 01 A 30 DE SETEMBRO DE 2003. 2014. (Congresso).

V CONGRESO BRASILEIRO DE GESTÃO AMBIENTAL. ANÁLISE DO MEGA-INCÊNDIO DE RORAIMA NO PERÍ?ODO DEZEMBRO DE 1997 A MARÇO DE 1998. 2014. (Congresso).

WORKSHOP TECNOLOGIAS AMBIENTAIS PARA A INDUSTRIA EM PAUTA. 2014. (Outra).

XI CONGRESSO NACIONAL DE MEIO AMBIENTE. 2014. (Congresso).

XVIII CONGRESSO BRASILEIRO DE METEOROLOGIA. ESTUDO DA VARIABILIDADE CLIMATOLÓGICA DA IDADE DE FLORESTAL - MG (1961-2002). 2014. (Congresso).

1o Seminário de Planejamento do Macrozoneamento Metropolitano - RMBH. 2013. (Seminário).

2º SEMINÁRIO SUSTENTABILIDADE COMO ESTRATÉGIA COMPETITIVA: OS DESAFIOS DAS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS. 2013. (Outra).

6º DIÁLOGO DE ABERTURA: VISÃO E SUSTENTABILIDADE. 2013. (Outra).

CORREDOR DO CONHECIMENTO - 2013. 2013. (Outra).

FEIRA DE TECNOLOGIAS, PRODUTOS E SERVIÇOS DE RESPONSABILIDADE SOCIOAMBIENTAL E TURISMO SUSTENTÁVEL. 2013. (Outra).

FROTAS VERDES: COMO REDUZIR EMISSÕES DE GASES ECONOMIZANDO 50% DOS GASTOS COM COMBUSTÍVEIS. 2013. (Outra).

III SEMINÁRIO DE ERGONOMIA E PREV. DE ACIDENTES DE TRABALHO... 2013. (Seminário).

IV SEMANA DA NUTRIÇÃO.MUDANÇAS CLIMÁTICAS E A AGRICULTURA. 2013. (Outra).

OFICINAS DE EDUCAÇÃO PARA A SUSTENTABILIDADE - PARQUE MANGABEIRAS. 2013. (Outra).

PRÊMIO "CONSTRUTOR DE NAÇÃO SUSTENTÁVEL". 2013. (Outra).

RANKING EMPRESAS MAIS SUSTENTÁVEIS 2013. 2013. (Outra).

SEMINÁRIO MUDANÇAS CLIMÁTICAS E AGROBIODIVERSIDADE NO SEMIÁRIDO MINEIRO - AVALIAÇÃO DE CENÁRIOS E CONSTRUÇÃO DE ESTRATÉGIAS DE ENFRENTAMENTO.MUDANÇAS CLIMATICAS E O SEMIÁRIDO BRASILEIRO. 2013. (Seminário).

SIMPÓSIO DE INTEGRAÇÃO ACADÊMICA - SIA 2013 - CAMPUS DE FLORESTAL.AVALIADOR DE APRESENTAÇÃO ORAL. 2013. (Seminário).

SUSTENTAR ? 2013 - SOLENIDADE DE ABERTURA. 2013. (Outra).

SUSTENTAR - 6o FORUM INTERNACIONAL DE DESEV. SUSTENTÁVEL. 2013. (Simpósio).

X CONGRESSO NACIONAL DE MEIO AMBIENTE. CÁLCULO DE CARBONO NA ZONA DE TRANSIÇÃO DO BIOMA DE MATA ATLÂNTICA COM O CERRADO BRASILEIRO. 2013. (Congresso).

2o CICLO COPA DO MUNDO DA FIFA BRASIL 2014. 2012. (Encontro).

3o FORUM SOBRE MUDANÇAS CLIMÁTICAS - NOVOS RUMOS. 2012. (Outra).

3o INTERNACONAL URBAN RESEARCH SYMPOSIUM. 2012. (Simpósio).

5o DIÁLOGO DE ABERTURA:VISÂO E SUSTENTABILIDADE.. 2012. (Outra).

5o WORKSHOP GRI (GLOBAL REPORTING INITIATIVE). 2012. (Outra).

CLINICA TECNOLÓGICA SEBRAE. 2012. (Outra).

FORUM RIO + 20 - SUSTENTAR. 2012. (Outra).

ICLEI 2012 - INTERNATIONAL COUNCIL FOR ENVIRONMENTAL INITIATIVES. 2012. (Congresso).

OFICINAS DE EDUCAÇÃO PARA A SUSTENTABILIDADE. 2012. (Oficina).

ONG - PALHA DE MILHO - PROJETO DE IMPLANTAÇÃO DA COLETA SELETIVA NA COMUNIDADE DE JARDIM.COLETA SELETIVA. 2012. (Encontro).

PRÊMIO" CONSTRUTOR DE NAÇÃO SUSTENTÁVEL". 2012. (Outra).

SEMANA DE PALESTRAS DO CURSO DE NUTRIÇÃO DA UNIV. DE ITAÚNA.MUDANÇAS CLIMÁTICAS E A AGRICULTURA. 2012. (Seminário).

SEMINÁRIO SEBRAE SUSTENTABILIDADECOMO ESTRATÉGIA COMPETITIVA:OS DESAFIOS DAS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS. 2012. (Outra).

SUSTENTAR 2012 - 5o FORUM INTERNACIONAL PELO DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL. 2012. (Outra).

SUSTENTAR 2012 - CORREDOR DO CONHECIMENTO. 2012. (Outra).

SUSTENTAR 2012 - SOLENIDADE DE ABERTURA. 2012. (Congresso).

URBR - UNDERSTANDING RISK 2012 ( ENTENDENDO RISCOS). 2012. (Simpósio).

VIII SEMANA INTEGRADA DO MEIO AMBIENTE - UNIVERSIDADE DE ITAUNA.MUDANÇAS CLIMÁTICAS E A AGRICULTURA. 2012. (Encontro).

WORKSHOP INTERNACIONAL: COMO PLANEJAR, DESENVOLVER E COMERCIALIZAR PRODUTOS DE ECOTURISMO PROMOVENDO O DESENVOLVIMENTO DE COMUNIDADES. 2012. (Outra).

WORKSHOP RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE GRI EM MINAS GERAIS PARA A COPA DO MUNDO. 2012. (Outra).

3o FORUM SOBRE MUDANÇAS CLIMÁTICAS. 2011. (Outra).

4o FORUM INTERNACIONAL PELA RESPONSABILIDADE SOCIOAMBIENTAL. 2011. (Outra).

4o WORKSHOP GRI (GLOBAL REPORTING INITIATIVE). 2011. (Outra).

9o ENCONTRO DE FISCALIZAÇÃO E SEMINÁRIO NACIONAL SOBRE AGROTÓXICOS.IMPACTO DO AQUECIMENTO GLOBAL SOBRE PADRÕES DE DISTRIBUIÇÃO DE PRAGAS AGRÍCOLAS E USO DO AGROTÓXICO. 2011. (Encontro).

AVALIAÇÃO DE ASPECTOS E IMPACTOS AMBIENTAIS.MINI CURSO DE AVALIAÇÃO DE ASPECTOS E IMPACTOS AMBIENTAIS. 2011. (Oficina).

FEIRA DE TECNOLOGIA, PRODUTOS E SERVIÇOS DE RESP. SOCIOAMBIENTAL E TURISMO SUSTENTÁVEL. 2011. (Outra).

III SEMANA ACADÊMICA INTEGRADA/ I SIMPÓSIO DE FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA.QUALIDADE DO AR E VENTILAÇÃO NO AMBIENTE DE TRABALHO: DESAFIO MULTIPROFISSIONAL. 2011. (Simpósio).

OFICINA CENTRO MIINEIRO DE REFERÊNCIA DE RESÍDUOS SÓLIDOS. 2011. (Oficina).

OFICINA INTERNACIONAL DESENV. SUSTENTAVEL E EDUCAÇÃO AMBIENTAL. 2011. (Oficina).

OLIMPIADAS DA SUSTENTABILIDADE. 2011. (Outra).

PALESTRAS NA ESCOLA TÉCNICA ESTADUAL MARCOS UCHÔAS.AQUECIMENTO CGLOBAL. 2011. (Encontro).

PALESTRAS NA ESCOLA TÉCNICA PAULA SOUZA - SP.MUDANÇAS CLIMÁTICAS. 2011. (Encontro).

SEMANA DE RECEPÇÃO DOS CALOUROS DOS CURSOS SUPERIORES - 2011.APRESENTAÇÃO DO CORPO DOCENTE DO CURSO DE GESTÃO AMBIENTAL. 2011. (Outra).

SEMANA DO MEIO AMBIENTE - 2011.O MEO AMBIENTE E SUA DEGRADAÇÃO. 2011. (Outra).

SIMPÓSIO DE INTEGRAÇÃO ACADÊMICA - SIA 2011 - CAMPUS DE FLORESTAL.O PROFISSIONAL NA ÁREA DE GESTÃO AMBIENTAL. 2011. (Simpósio).

SUSTENTAR 2011 - 4o FORUM INTERNACIONAL PELO DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL. 2011. (Outra).

SUSTENTAR 2011 - SOLENIDADE DE ABERTURA. 2011. (Outra).

XXII FENASAN - FEIRA NACIONAL DE SANEAMENTO E MEIO AMBIENTE. 2011. (Outra).

18o AGRINORDESTE - RECIFE 2010. MUDANÇAS CLIMÁTICAS NA AGRICULTURA BRASILEIRA. 2010. (Congresso).

2º FORUM BIODIVERSIDADE, BIOTECNOLOGIA E SUSTENABILIDAE. 2010. (Outra).

2º FORUM SOBRE MUDANÇAS CLIMÁTICAS:NOVOS RUMOS. 2010. (Outra).

3o FORUM INTERNACIONAL PELO DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL - SUSTENTAR 2010. 2010. (Outra).

3º FORUM EDUCAÇÃO AMBIENTAL NO CONTEXTO DA SUSTENTABILIDADE. 2010. (Encontro).

3º FORUM INTERNACIONAL PELA RESPONSABILIDADE SOCIAMBIENTAL. 2010. (Outra).

CICLO DE PALESTRAS NO DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA AGRÍCOLA E E AMBIENTAL.AVALIAÇÃO CLIMÁTICA DAS CHUVAS DE 2010 NO RIO DE JANEIRO. 2010. (Seminário).

FEIRA DO EMPREEDEDOR SEBRAE-MG 2010. 2010. (Encontro).

FORUM COMUNICAÇÃO E RESPONSABILIDADE SOCIOAMBIENTAL: O PAPEL DA MÍDIA. 2010. (Outra).

FORUM LEGISLAÇÃO E SUSTENTABILIDADE. 2010. (Outra).

II SEMINÁRIO INTERNACIONAL REVITALIZAÇÃO DE RIOS. 2010. (Seminário).

INTERNATIONAL WORKSHOP ON ADDRESSING THE LIVELIHOOD CRISIS OF FARMERS: WEATHER AND CLIMATE SERVICES. 2010. (Seminário).

PAINEL : CONSTRUÇÃO SUSTENTÁVEL. 2010. (Outra).

PAINEL: MINERAÇÃO SUSTENTÁVEL. 2010. (Outra).

PALESTRAS EM ESCOLAS MUNICIPAIS DA REGIÃO METROPOLITANA DE BELO HORIZONTE.MUDANÇAS CLIMÁTICAS SUAS CAUSAS E CONSEQUENCIAS. 2010. (Encontro).

SIMPÓSIO DE INTEGRAÇÃO ACADÊMICA SIA UFV/2010.MEIO AMBIENTE. 2010. (Simpósio).

SIMPÓSIO DE INTEGRAÇÃO ACADÊMICA SIA UFV/2010.MEIO AMBIENTE. 2010. (Simpósio).

SUSTENTABILIDADE AMBIENTAL 2010 AGRONEGÓCIO E SETOR ENERGÉTICO: UMA PARCERIA ESTRATÉGICA. 2010. (Seminário).

VII CONGRESSO NACIONAL DE MEIO AMBIENTE. MUDANÇAS CLIMÁTICAS E A AGRICULTURA. 2010. (Congresso).

WORKSHOP GESTÃO DA REPUTAÇÃO E SUSTENTABILIDADE. 2010. (Outra).

WORKSHOP INTERNACIONAL: COMO PLANEJAR, DESENVOLVER E COMERCIALIZAR PRODUTOS DE ECOTURISMO PROMOVENDO O DESENVOLVIMENTO DE COMUNIDADES.. 2010. (Outra).

WORKSHOP INTERNACIONAL: SUSTENTABILIDADE, DESENVOLVIMENTOP LOCAL E TURISMO.. 2010. (Outra).

XIII SEMANA DE ENGENHARIA AMBIENTAL - UFRPE.MUDANÇAS CLIMATICAS. 2010. (Seminário).

1o FORUM CIDADES HISTÓRICAS E O TURISMO SUSTENTÁVEL. 2009. (Outra).

BETIM RURAL 2009.EXPOSITOR DA UFV. 2009. (Outra).

FORUM INTERNACIONAL PELA RESPONSABILIDADE SOCIOAMBIENTAL E O TURISMO SUSTENTÁVEL. 2009. (Outra).

PAINEL BIODIVERSIDADE, BIOTECNOLOGIA E SUSTENTABILIDADE. 2009. (Outra).

SEMINÁRIO ÁGUA COMUNICAÇÃO E SOCIEDADE. 2009. (Seminário).

SEMINÁRIO DE EDUCAÇÃO PARA UMA SOCIEDADE SUSTENTÁVEL. 2009. (Seminário).

SUSTENTAR 2009 - ABERTURA E DIÁLOGO VISÃO & SUSTENTABILIDADE. 2009. (Outra).

I SEMA/2008 - SEMANA DE MEIO AMBIENTE.MUDANÇAS CLIMÁTICAS - CONSÓRCIO CONSTRUTOR ANHAGUERA - CAMARGO CORRÊA. 2008. (Seminário).

I SEMINÁRIO SOBRE MEIO AMBIENTE ? Recicle suas idéias.MUDANÇAS CLIMÁTICAS. 2008. (Seminário).

XV CBMET - CONGRESSO BRASILEIRO DE METEOROLOGIA. CORRELAÇÃO ENTRE O FENÔMENO DE LA NIÑA COM A DISTRIBUIÇÃO ESPACIAL DAS QUEIMADAS E DA ESTIAGEM NO ESTADO DE MINAS GERAIS. 2008. (Congresso).

XII Congresso Brasileiro de Agrometeorologia e III Reunião Latino-Americana de Agrometeorologia.. Análise Espacial dos Sistemas frontais que Atuaram Sobre a Região do Vale do Paraíba entre 1988 A 1998.. 2001. (Congresso).

. XI Congresso Brasileiro de Meteorologia e II Simpósio Brasileiro de Climatologia -. Reanálise das Linhas de Corrente nos níveis de 1000 hPa, 850 hPa, 500 hPa e 150 hPa sobre a América do Sul no período entre 1979 A 1995 e a Análise Dinâmica Sobre a Região do Vale do Paraíba - SP. 2000. (Congresso).

X Congresso Brasileiro de Meteorologia e VIII Congresso da Fed. Latino-Americana e Ibérica de Sociedades de Meteorologia. Período de tempo em que os sistemas frontais atuam no litoral do Brasil entre a cidade de Porto Alegre e Rio de Janeiro ( Período entre 1988-1993. 1999. (Congresso).

XI Congresso Brasileiro de Agrometeorologia e II Reunião Latino-Americana de Agrometeorologia. Precipitações Intensas Ocorridas no Período de 1986 a 1996 no Brasil. 1999. (Congresso).

CLIMANÁLISE ESPECIAL EDIÇÃO COMEMORATIVA DE 10 ANOS - MCT/INPE/CPTEC.Sistemas Frontais que Atuaram no Brasil de 1987 a 1995. 1996. (Outra).

IX Congresso Brasileiro de Meteorologia. ? Estudo de Concentração Média de Monóxido de Carbono (CO), através do Modelo Matemático, em Ruas Cercadas de Prédios (Street Canyon) com exemplos: Av Paulista (SP), Av. Rio Branco (RJ) e o Estudo em Especial do Túnel Rebouças no Rio de Janeiro?. 1996. (Congresso).

Seminário de Ciências Ambientais no Instituto de Biologia da UFRJ , CCS/IBIO.Qualidade do Ar em Niterói - Município do Rio de Janeiro. 1992. (Seminário).

XII Jornada Interna de Iniciação Científica do Instituto de Geociências - UFRJ.Levantamento de Dados Pluviométricos em Duas Situações Distintas. 1990. (Outra).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

Aluno: Márcia Aparecida Silva

ROSSONI H.A.LEMOS, C. F.; SANTANA, M. A.. ANÁLISE DA VIABILIDADE AMBIENTAL, TÉCNICA E ECONÔMICA DO APROVEITAMENTO ENERGÉTICO DE BIOGÁS NO ATERRO CONTROLADO DE RESÍDUOS SÓLIDOS NO MUNICÍPIO DE RIBEIRÃO DAS NEVES - MG. 2018. Dissertação (Mestrado em MESTRADO EM SUTENTABILIDADE E TECNOLOGIA AMBIENTAL) - Instituto Federal Minas Gerais (MG) - BAMBUÍ.

Aluno: Sérgio Augusto Alves Rodrigues Barbosa

ROSSONI H.A.LEMOS, C. F.; SANTANA, M. A.; CAVALCANTI, R. S.. USO DA ANÁLISE MULTICRITÉRIO NA DEFINIÇÃO DE ÁREAS POTENCIAIS PARA A IMPLANTAÇÃO DE ATERRO SANITÁRIO: Estudo de Caso da Cidade de Santo Antônio do Monte - MG. 2018. Dissertação (Mestrado em MESTRADO EM SUTENTABILIDADE E TECNOLOGIA AMBIENTAL) - Instituto Federal Minas Gerais (MG) - BAMBUÍ.

Aluno: Ana Carolina Toledo Rocha

ROSSONI H.A.LEMOS, C. F.; SANTANA, M. A.; MOREIRA, S. M.. ASPECTOS DEMOGRÁFICOS, SOCIOECONÔMICOS E DE DESENVOLVIMENTO HUMANO ASSOCIADOS RELACIONADAS A FALTA DE CONDIÇÕES SANITÁRIAS ADEQUADAS: Estudo de Caso Realizado nos Municípios Mineiros dos Comitês da Bacia Hidrográfica dos Afluentes do Alto e Médio São Francisco. 2018. Dissertação (Mestrado em MESTRADO EM SUTENTABILIDADE E TECNOLOGIA AMBIENTAL) - Instituto Federal Minas Gerais (MG) - BAMBUÍ.

Aluno: Karina Alves Máximo

LEMOS, C. F.ROSSONI H.A.; CAVALCANTI, R. S.;GIUDICE, M. P.. UTILIZAÇÃO DE MICRORGANISMOS EFICIENTES NO PROCESSO DE COMPOSTAGEM DE LODO BIOLÓGICO E GORDURA DO SISTEMA DE TRATAMENTO DE EFLUENTES DE UM LATICÍNIO.. 2018. Dissertação (Mestrado em MESTRADO EM SUTENTABILIDADE E TECNOLOGIA AMBIENTAL) - Instituto Federal Minas Gerais (MG) - BAMBUÍ.

Aluno: Leonardo Gomes Lara

LEMOS, C. F.; OLIVEIRA JR, A. F.;ROSSONI H.A.. PLANO DE AÇÃO PARA A REDUÇÃO DE EMISSÕES DOS GASES DE EFEITO ESTUFA (GEE) DO MUNICÍPIO DE BETIM/MG, A PARTIR DA ANÁLISE DO SEU INVENTÁRIO.. 2017. Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional em Sustentabilidade e Tecnologia Ambiental) - Instituto Federal Minas Gerais - BAMBUÍ.

Aluno: Fernanda Raggi Grossi Silva

OLIVEIRA JR, A. F.;LEMOS, F.; DUARTE, N. F.. AVALIAÇÃO DO PLANEJAMENTO URBANO E AMBIENTAL DA REGIONAL PETROVALE, MUNICÍPIO DE BETIM/MG, UTILIZANDO O MAPEAMENTO DE BIÓTOPOS E A AVALIAÇÃO DE IMPACTOS AMBIENTAIS.. 2017. Dissertação (Mestrado em SUSTENTABILIDADE E TECNOLOGIAS AMBIENTAIS) - Instituto Federal Minas Gerais.

Aluno: Cristiane Ferreira Pimenta

DUARTE, N. F.;LEMOS, F.; RODRIGUES, C. S.; TORRES, H. S. S.. PLANEJAMENTO E GESTÃO DE ÁREAS DE BENEFICIAMENTO DE RESÍDUOS DA CONSTRUÇÃO E DEMOLIÇÃO. 2017. Dissertação (Mestrado em SUSTENTABILIDADE E TECNOLOGIAS AMBIENTAIS) - Instituto Federal Minas Gerais.

Aluno: André Lopes Vilaça Santos

CALDEIRAS, A. B.;LEMOS, C. F.; CASTRO, J. F. M.. IMPACTOS AMBIENTAIS DAS OCUPAÇÕES NA ÁREA DE PROTEÇÃO AMBIENTAL NA REPRESA DE VARGEM DAS FLORES. 2016. Dissertação (Mestrado em PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM GEOGRAFIA - TRATAMENTO DA INFORMAÇÃO ESPACIAL) - PONTIFÍCA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE MINAS GERAIS.

Aluno: CARLSO ROBERTO DE SOUSA COSTA

LEMOS, C. F.; OLIVEIRA JR, A. F.;ROSSONI H.A.. ANÁLISE DE VIABILIDADE DO USO DE ENERGIAS RENOVÁVEIS NA PRODUÇÃO DE AVES. 2016. Dissertação (Mestrado em MESTRADO EM SUSTENTABILIDADE E TECNOLOGIAS AMBIENT) - Instituto Federal Minas Gerais.

Aluno: Amanda Rodrigues

BORGES A.; MATOS, A.; PRUSKI, F.;LEMOS, C. F.. ESTUDO DE MECANISMOS DE COBRANÇA PELO USO DOS RECURSOS HÍDRICOS PARA ASSIMILAÇÃO DE EFLUÊNTES EW AVALIAÇÃO DO POTENCIAL DE ARRECADAÇÃO. 2014. Dissertação (Mestrado em Engenharia Agrícola e Ambiental) - Universidade Federal de Viçosa.

Aluno: Mônica Weber Tavares

JUSTINO, F.LEMOS, C. F.COSTA, M. H.HAMAKAWA, P. J.. Modelagem climática da variabilidade de temperatura e precipitação na América do Sul: perspectivas atuais e futuras do IPCC-AR5. 2013. Dissertação (Mestrado em Engenharia Agrícola e Ambiental) - Universidade Federal de Viçosa.

Aluno: Alex Santos da Silva

JUSTINO, F.HAMAKAWA, P. J.IMBUZEIRO, H. M. A.LEMOS, C. F.. Clima do Hemisfério Sul há 1,080 milhões de anos: impacto do derretimento da geleira Antártica.. 2013. Dissertação (Mestrado em Engenharia Agrícola e Ambiental) - Universidade Federal de Viçosa.

Aluno: Rafael Aldighieri Moraes

SEDYAMARIBEIRO, A.COSTA.J. MLEMOS, C. F.SILVA M.P.. EVAPOTRANSPIRAÇÃO DE REFERÊNCIA COM BASE NOS DADOS DE TEMPERATURA PARA MINAS GERAIS: AVALIAÇÃO DA ESTIMATIVA DE RADIAÇÃO BASEADA EM LÓGICA FUZZY. 2009. Dissertação (Mestrado em Engenharia Agrícola e Ambiental) - Universidade Federal de Viçosa.

Aluno: Anailton Sales de Melo

SEDYAMARIBEIRO G. A.LEMOS, C. F.COSTA M.H.. SUSCETIBILIDADE DO AMBIENTE E OCORRENCIA DE QUEIMADAS SOB CONDIÇÕES CLIMÁTICAS ATUAIS E DE AQUECIMENTO GLOBAL. 2009. Dissertação (Mestrado em Engenharia Agrícola e Ambiental) - Universidade Federal de Viçosa.

Aluno: Jeferson Prietsch Machado

JUSTINO, F.PEZZI, L. P.LEMOS, C. F.POLITO P. S.CAMARGO R.. RESPOSTA DAS CIRCULAÇÕES OCEÂNICA E ATMOSFÉRICA ASSOCIADA AO ENFRAQUECIMENTO DA CIRCULAÇÃO TERMOALINA GLOBAL. 2009 - Universidade Federal de Viçosa.

Aluno: Natália dos Santos Renato

COSTASEDYAMACOSTA.J. MRIBEIRO, A.LEMOS, C. F.. FOTOSÍNTESES EM CENÁRIOS DE MUDANÇAS CLIMÁTICAS: ADAPTAÇÃO DE MODELO PARA A PRODUTIVIDADE POTENCIAL DE CANA-DE-AÇUCAR. 2008. Dissertação (Mestrado em Engenharia Agrícola e Ambiental) - Universidade Federal de Viçosa.

Aluno: Manuel Antonio Dina Talacuece

Justino, F.B.LEMOS, C. F.HAMAKAWA, P. J.; PIRES, G. F.; TORRES, R. R.. EXTREMOS CLIMÁTICOS NA ÁFRICA SUB- SAHARIANA: 1976-2005 E 2020-2050.. 2018. Tese (Doutorado em METEOROLOGIA APLICADA) - DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA AGRÍCOLA E AMBIENTAL.

Aluno: KAMILLA ANDRADE DE OLIVEIRA

IMBUZEIRO, H. M. A.LEMOS, C. F.; TORRES, F. T. P.; SANTOS, G. R.; UNB, E. A. T. M.. ESTUDO ESPAÇO-TEMPORAL DE RISCOS DE INCENDIOS FLORESTAIS NA AMAZÔNIA BRASILEIRA. 2016. Tese (Doutorado em ENGENHARIA AGRÍCOLA E AMBIENTAL) - Universidade Federal de Viçosa.

Aluno: KAMILLA ANDRADE DE OLIVEIRA

IMBUZEIRO, H. M. A.LEMOS, C. F.; TORRES, F. T. P.; UNB, E. A. T. M.. TÉCNICAS DE SENSORIAMENTO REMOTO E GEOESTATÍSTICA APLICADAS NA AVALIAÇÃO DO DESEMPENHO DOS ÍNDICES DE RISCOS DE INCENDIOS FLORESTAIS NO BIOMA AMAZÔNICO. 2016. Tese (Doutorado em ENGENHARIA AGRÍCOLA E AMBIENTAL) - Universidade Federal de Viçosa.

Aluno: HENDERSON SILVA WANDERELY

JUSTINO, F.SEDYAMALEMOS, C. F.DA SILVA, W.C.M.. VARIABILIDADE DO PERFIL DE VAPOR DE ÁGUA NA TROPOSFERA. 2014. Tese (Doutorado em ENGENHARIA AGRÍCOLA E AMBIENTAL) - Universidade Federal de Viçosa.

Aluno: RAFAEL ÁVILA RODRIGUES

JUSTINO, F.LEMOS, C. F.MARIN F. R.HEINEMANN A. B.GOMIDE R. L.. MODELAGEM DOS EFEITOS DA FERRUGEM ASIÁTICA NO RENDIMENTO DA CULTURA DA SOJA EM CENÁRIOS DE MUDANÇAS CLIMÁTICAS GLOBAIS NO ESTADO DE MINAS GERAIS. 2011. Tese (Doutorado em METEOROLOGIA AGRÍCOLA) - Universidade Federal de Viçosa.

Aluno: Noele Franchi Leonardo

Justino, F.B.LEMOS, C. F.HAMAKAWA, P. J.; MACHADO, J. P.; PIRES, G. F.. MODELAGEM DO CICLO BIOGEOQUÍIMICA MARINHO NO HEMISFERIO SUL E SUPERINTERGLACIAL MARINE ISOTOPE STATE 31 E NO ÚLTIMA MÁXIMA GLACIAL. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em METEOROLOGIA APLICADA) - DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA AGRÍCOLA E AMBIENTAL.

Aluno: Bruno Lopes de Faria

SOARES FILHO, B. S.;Justino, F.B.LEMOS, C. F.; CARDOSO, M. F.;IMBUZEIRO, H. M. A.. MODELAGEM ESPACIAL DA DINÂMICA DE VEGETAÇÃO NA FRONTEIRA AMAZÔNICA-CERRADO APÓS PERTURBAÇÃO POR FOGO. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em METEOROLOGIA APLICADA) - Universidade Federal de Viçosa.

Aluno: ALMIR VENANCIOI FERREIRA

Justino, F.B.HAMAKAWA, P. J.; RANDOW C.V.;COSTA.J. MLEMOS, C. F.. CARACTERIZAÇÃO DOS FLUXOS DE ENERGIA E CARBONO EM UMA ÁREA DE PRESERVAÇÃO PERMANENTE DE RESTINGA. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em ENGENHARIA AGRÍCOLA E AMBIENTAL) - Universidade Federal de Viçosa.

Aluno: DOUGLAS DA SILVA LINDERMANN

JUSTINO, F.PEZZI, L. P.; CHIESSI, C. M.;LEMOS, C. F.HAMAKAWA, P. J.. EVOLUÇÃO DO CLIMA TERRESTRE EM RESPOSTA À FORMAÇÃO DE GELO ANTÁRTICO. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em ENGENHARIA AGRÍCOLA E AMBIENTAL) - Universidade Federal de Viçosa.

Aluno: Walter Batista Júnior

COSTA.J. MLEMOS, C. F.NEVES, J.C.L.DA SILVA, W.C.M.. IDENTIFICAÇÃO DOS RISCOS DE OCORRENCIA DE SECAS NA BACIA DO RIO GUANDU - ESPÍRITO SANTO.. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em ENGENHARIA AGRÍCOLA E AMBIENTAL) - Universidade Federal de Viçosa.

Aluno: Elias Vasconcelos Rezende

LEMOS, C. F.ROSSONI H.A.; OLIVEIRA JR, A. F.. ANÁLISE ESPACIAL PARA O GERENCIAMENTO, CAPTAÇÃO E REUSO DE ÁGUAS PLUVIAS: Estudo de caso realizado no Setor de Fruticultura da UFV - Campus Florestal. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em MESTRADO PROFISSIONAL EM SUSTENTABILIDADE E TECNOLOGIA AMBIENTAL) - Instituto Federal Minas Gerais.

Aluno: RODRIGO RIBEIRO PIGNATON

CUPOLILLO, F.;LEMOS, C. F.; GEMIACKI, L.. PROPOSTA METODOLÓGICA PARA SUBSIDIAR A ELABORAÇÃO DE DIAGNÓSTICOS CLIMATOLÓGICOS PARA EMPREENDIMENTOS PASSÍVEIS DE REGULARIZAÇÃO AMBIENTAL NO ESTADO DE MINAS GERAIS. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em MESTRADO EM SUTENTABILIDADE E TECNOLOGIA AMBIENTAL) - Instituto Federal Minas Gerais (MG) - BAMBUÍ.

Aluno: Joseane Alves Vieira

LEMOS, C. F.ROSSONI H.A.; OLIVEIRA JR, A. F.; CAVALCANTI, R. S.. ESTIMATIVA DO ESTOQUE DE CARBONO PRESENTE NA BIOMASSA VEGETAL ARBÓREA DO PARQUE MUNICIPAL AMÉRICO RENNÉ GIANNETTI ? BELO HORIZONTE. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em MESTRADO EM SUTENTABILIDADE E TECNOLOGIA AMBIENTAL) - Instituto Federal Minas Gerais (MG) - BAMBUÍ.

Aluno: Sylvia Karla Candêa

LEMOS, C. F.ROSSONI H.A.; OLIVEIRA JR, A. F.; CAVALCANTI, R. S.. SISTEMAS DE RECUPERAÇÃO E REGENERAÇÃO DO RESÍDUO AREIA DE FUNDIÇÃO: DIAGNÓSTICO DE APLICABILIDADE EM TERMOS AMBIENTAIS E ECONÔMICOS. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em MESTRADO EM SUTENTABILIDADE E TECNOLOGIA AMBIENTAL) - Instituto Federal Minas Gerais (MG) - BAMBUÍ.

Aluno: Fabiana Rocha de Castro

OLIVEIRA JR, A. F.;LEMOS, C. F.ROSSONI H.A.. AVALIAÇÃO DAS ALTERAÇÕES ADVINDAS COM A ENTRADA EM VIGOR DA DN 217/2017 - COPAM: RISCOS E OPORTUNIDADES NO AMBITO DOS RESÍDUOS SÓLIDOS. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em MESTRADO EM SUTENTABILIDADE E TECNOLOGIA AMBIENTAL) - Instituto Federal Minas Gerais (MG) - BAMBUÍ.

Aluno: Fabiana Rocha de Castro

OLIVEIRA JR, A. F.;LEMOS, C. F.ROSSONI H.A.; CAVALCANTI, R. S.. AVALIAÇÃO DOS EFEITOS DOS SERVIÇOS AMBIENTAIS DA UNIDADE DE CONSERVAÇÃO PARQUE ESTADUAL DOS CAMPOS ALTOS NO CULTIVO DE CAFÉ, NO MUNICÍPIO DE CAMPOS ALTOS/MG. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em MESTRADO EM SUTENTABILIDADE E TECNOLOGIA AMBIENTAL) - Instituto Federal Minas Gerais (MG) - BAMBUÍ.

Aluno: Thiago Henrique Martins Pereira

LEMOS, C. F.ROSSONI H.A.; LACORTE, G. A.. VALORIZAÇÃO ENERGÉTICA DE RESÍDUOS: O LIXO DE HOJE É A ENERGIA DO AMANHÃ. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado profissional em Sustentabilidade e Tecnologia Ambiental) - INSTITUTO FEDERAL DE MINAS GERAIS - BAMBUÍ.

Aluno: Karina Alves Máximo

LEMOS, F.ROSSONI H.A.; SILVA, M.. UTILIZAÇÃO DE MICRORGANISMOS EFICIENTES NO PROCESSO DE COMPOSTAGEM DE LODO BIOLÓGICO E GORDURA DO SISTEMA DE TRATAMENTO DE EFLUENTES DE UM LATICÍNIO.. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em MESTRADO PROFISSIONAL EM SUSTENTABILIDADE E TECNOLOGIAS AMBIENTAIS) - INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE MINAS GERAIS- BAMBUI.

Aluno: [Nome removido após solicitação do usuário]

LEMOS, C. F.ROSSONI H.A.; CAVALCANTI, R. S.. RECICLAGEM DE ASFALTO E CRÉDITO DE CARBONO EM OBRAS RODOVIÁRIAS. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado profissional em Sustentabilidade e Tecnologia Ambiental) - INSTITUTO FEDERAL DE MINAS GERAIS - BAMBUÍ.

Aluno: Manuel Antonio Dina Talacuece

Justino, F.B.LEMOS, C. F.HAMAKAWA, P. J.; PIRES, G. F.; CUNHA, D. A.. EFEITOS DE MODIFICAÇÕES NO CLIMA PREDOMINANTE NA ÁFRICA SOBRE A PRODUÇÃO AGRÍCOLA. 2017.

Aluno: Elder Magno Gava Ferrão

DUARTE, N. F.;LEMOS, C. F.; ROCHA, J. C. P.. ANÁLISE COMPARATIVA DA SÍNTESE DE BIODÍESEL E SEUS RESÍDUOS, USANDO CATÁLISE ENZIMÁTICA A PARTIR DE ÓLEO RESIDUAL DE FRITURA, CONTRAPONDO AO PROCESSO CONVENCIONAL BÁSICO.. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em SUSTENTABILIDADE E TECNOLOGIAS AMBIENTAIS) - Instituto Federal Minas Gerais.

Aluno: Ana Carolina Toledo Rocha

DUARTE, N. F.;LEMOS, C. F.; ROCHA, J. C. P.. DESENVOLVIMENTO DE TECNOLOGIA PARA TRATAMENTO DE REJEITO DE MINÉRIO DE FERRO COM USO DE SEPARAÇÃO POR FLOCULAÇÃO BAMBUI-MG 2017. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em SUSTENTABILIDADE E TECNOLOGIAS AMBIENTAIS) - Instituto Federal Minas Gerais.

Aluno: Sérgio Augusto Alves Rodrigues Barbosa

ROSSONI H.A.LEMOS, F.; LACORTE, G. A.. AVALIAÇÃO MULTICRITERIAL APLICADA PARA LOCAÇÃO DE ATERRO SANITÁRIO: Estudo de caso para o município de Santo Antônio do Monte ? Minas Gerais. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em MESTRADO PROFISSIONAL EM SUSTENTABILIDADE E TECNOLOGIA AMBIENTAL) - Instituto Federal Minas Gerais.

Aluno: Luiz Gustavo de Sousa Tatagiba

OLIVEIRA JR, A. F.;LEMOS, F.; ZAGO, V. C. P.. CARACTERIZAÇÃO DO GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS AUTOMOTIVOS DA CIDADE DE FORMIGA-MG. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em SUSTENTABILIDADE E TECNOLOGIAS AMBIENTAIS) - Instituto Federal Minas Gerais.

Aluno: Márcia Aparecida Silva

ROSSONI H.A.LEMOS, C. F.; LACORTE, G. A.. ANÁLISE DA VIABILIDADE AMBIENTAL, TÉCNICA E ECONÔMICA DO APROVEITAMENTO ENERGÉTICO DE BIOGÁS DO ATERRO CONTROLADO DE RESÍDUOS SÓLIDOS DO MUNICÍPIO DE RIBEIRÃO DAS NEVES-MG. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em MESTRADO PROFISSIONAL EM SUSTENTABILIDADE E TECNOLOGIA AMBIENTAL) - INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE MINAS GERAIS - BAMBU.

Aluno: EMERSON RODRIGUES PIMENTEL

CAVALCANTI, R. S.; SENNA, B.;LEMOS, C. F.. COMPORTAMENTO DE MUDAS EM VIVEIROS PARA RECUPERAÇÃO DE ÁREAS DEGRADADAS PELA MINERAÇÃO DE FILITO, NO MUNICÍPIO DE BAMBUÍ-MG. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em MESTRADO EM SUSTENTABILIDADE E TECNOLOGIAS AMBIENT) - Instituto Federal Minas Gerais.

Aluno: Fernanda Raggi Grossi Silva

OLIVEIRA JR, A. F.;LEMOS, C. F.; CUPOLILLO, F.. PLANEJAMENTO URBANO E AMBIENTAL E ESTADO DA ARTE: da municipalidade à sustentabilidade, da legalidade à realidade - Estudo de Caso - Regional Petrovale, município de Betim, MG.. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em SUSTENTABILIDADE E TECNOLOGIAS AMBIENTAIS) - Instituto Federal Minas Gerais.

Aluno: Cristiane Ferreira Pimenta

DUARTE, N. F.;LEMOS, C. F.; SILVA, R. A.. Planejamento e Gestão Ambiental para Áreas de Recepção e Valorização de Resíduos da Construção Civil - RCC. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em SUSTENTABILIDADE E TECNOLOGIAS AMBIENTAIS) - Instituto Federal Minas Gerais.

Aluno: Lívia Gabriela Mendonça Goulart

CARPIO, R. C.;LEMOS, C. F.; SILVA, R. A.. ESTUDO DE VIABILIDADE TÉCNICA E ECONÔMICA DA RECUPERAÇÃO DE CALOR EM INDÚSTRIAS DE CAL UTILIZANDO O CICLO RANKINE ORGÂNICO (ORC) BAMBUI - MG 2015. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em SUSTENTABILIDADE E TECNOLOGIAS AMBIENTAIS) - Instituto Federal Minas Gerais.

Aluno: Carlos Roberto de Sousa Costa

LEMOS, C. F.; DUARTE, N. F.; CORREA, B. S.. GERAÇÃO E USO DE BIOGÁS PARA PRODUÇÃO DE ENERGIA NO RESTAURANTE UNIVERSITÁRIO DO IFMG-CAMPUS BAMBUÍ- MG BAMBUÍ-MG DEZEMBRO DE. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em SUSTENTABILIDADE E TECNOLOGIAS AMBIENTAIS) - Instituto Federal Minas Gerais.

Aluno: Ricardo de Lima Silva

CARPIO, R. C.;LEMOS, C. F.; CORREA, R. M.. DESENVOLVIMENTO DO PROCESSO DE BENEFICIAMENTO DE RESÍDUOS PROVENIENTES DE INDÚSTRIAS FRIGORÍFICAS (MBM) EM UMA UNIDADE DE MISTURA E PRÉ-CONDICIONAMENTO DE RESÍDUOS (UMPCR) A SEREM DESTINADOS PARA COPROCESSAMENTO EM FÁBRICAS CIMENTO.. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em SUSTENTABILIDADE E TECNOLOGIAS AMBIENTAIS) - Instituto Federal Minas Gerais.

Aluno: Leonardo Gomes Lara

LEMOS, C. F.; CORREA, B. S.; FRANCA, F.. PLANO DE AÇÃO PARA A REDUÇÃO DE EMISSÕES DOS GASES DE EFEITO ESTUFA (GEE) DO MUNICÍPIO DE BETIM/MG, A PARTIR DA ANÁLISE DO SEU INVENTÁRIO.. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em SUSTENTABILIDADE E TECNOLOGIAS AMBIENTAIS) - Instituto Federal Minas Gerais.

Aluno: Kelry Borges de Vasconcelos

LEMOS, F.GIUDICE, M. P.LEITE, B. S.. GERENCIAMENTO DOS RESÍDUOS DA CONSTRUÇÃO CIVIL EM BELO HORIZONTE ? MG: COMPREENSÃO PARA A IMPLANTAÇÃO NO CANTEIRO DE OBRA. 2014. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO AMBIENTAL (LATU SENSO)) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: Rachel Carvalho

LEMOS, C. F.LEITE, B. S.GIUDICE, M. P.. CONSIDERAÇÕES SOBRE DA POLÍTICA NACIONAL DE RESÍDUOS SOLÍDOS EM CAMPOS DOS GOYTACAZES/RJ. 2014. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO AMBIENTAL (LATU SENSO)) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: MARIA JOSÉ DA FONSECA DINIZ OLIVEIRA

LEMOS, C. F.GIUDICE, M. P.LEITE, S.A.P.. DIAGNÓSTICO DA PERCEPÇÃO AMBIENTAL DE ALUNOS DO COLÉGIO EDUCACIONAL DE SÃO GONÇALO DO RIO ABAIXO ? MG. 2014. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO AMBIENTAL (LATU SENSO)) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: VANESSA MELO FERREIRA DE AGUIAR

LEITE, S.A.P.LEMOS, C. F.. A APLICAÇÃO DO PROGRAMA BOLSA VERDE EM ÁREAS URBANAS. 2014. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO AMBIENTAL (LATU SENSO)) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: Antenor de Campos Dutra Júnior

SIMPLICIO, A. T.LEMOS, C. F.; LEITE, C. A. M.. ERGONOMIA DO MOBILIARIO ESCOLAR E ANTROPOMETRIA EM ESCOLAS DE 3o ANO DE UMA ESCOLA PUBLICA MUNICIPAL. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em EDUCAÇÃO FÍSICA) - INSTITUTO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E DA SAÚDE (IBF).

Aluno: ERICK MAYLON MUNIZ EVANGELISTA

SIMPLICIO, A. T.LEMOS, C. F.; LEITE, C. A. M.. MOBILIÁRIO ESCOLAR E ANTROPOMETRIA DE ALUNOS DE 4 A 5 ANOS DE IDADE DE UMA ESCOLA PUBLICA MUNICIPAL. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em EDUCAÇÃO FÍSICA) - INSTITUTO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E DA SAÚDE (IBF).

Aluno: Samara Francisco Ribeiro Patrícia Aparecida de Sousa

ROSSONI H.A.LEMOS, C. F.; SANTANA, M. A.. AVALIAÇÃO DA PERCEPÇÃO AMBIENTAL DOS MORADORES RIBEIRINHOS DO CÓRREGO SOBERBO DA SERRA DO CIPÓ. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: Isadora Geovanna Martins Alves e Silva

ROSSONI H.A.LEMOS, C. F.; PETRUCELI, R.. AVALIAÇÃO COMPARATIVA ENTRE FORMAS ALTERNATIVAS E CONVENCIONAIS DE REMOÇÃO DE CROMO PRESENTE EM ÁGUAS RESIDUÁRIAS DE INDÚSTRIA GALVÂNICA. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: Luana Aparecida Gonçalves Custódio

ROSSONI H.A.LEMOS, C. F.; SANTANA, M. A.. DIAGNÓSTICO E PROPOSTA DE ESTRATÉGIAS DE ARBORIZAÇÃO URBANA DA CIDADE DE FLORESTAL ? MG: ESTUDO DE CASO DA RUA EZEQUIEL FRAGA. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: Isabel Ragazzi Egidio Pereira Ana Paula dos santos silva

ROSSONI H.A.LEMOS, C. F.; SANTANA, M. A.. PRÁTICAS PEDAGÓGICAS LÚDICAS NA EDUCAÇÃO INFANTIL: A CONTRIBUIÇÃO DE FERRAMENTAS DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL NO PROCESSO ENSINO APRENDIZADO. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: Wagner Júnio Amaral

ROSSONI H.A.LEMOS, C. F.; PETRUCELI, R.. MONITORAMENTO FÍSICO E QUÍMICO DA ÁGUA DO RIBEIRÃO CAMARÃO. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: ELISA ALINE QUERINO

SIMPLICIO, A. T.LEMOS, C. F.; LEITE, D. M. M.. ERGONOMIA DA SALA DE AULA E QUEIXAS DE DOR OSTEOMUSCULARES EM PROFESSORES E ESTUDANTES DO ENSINO FUNDAMENTAL DE UMA ESCOLA PÚBLICA. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: Jéssica Thaís de Oliveira

SIMPLICIO, A. T.LEMOS, C. F.; LEITE, D. M. M.. INTENSIDADE DE VOZ DE PROEFESSORES DO ENSINO MÉDIO NA SALA DE AULA E SUA AUTOPERCEPÇÃO: ESTUDO DE CASO. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: Ana Paula de Araújo

PETRUCELI, R.;LEMOS, C. F.; PEREIRA, D. R.. CENÁRIOS DE EXPANSÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL NO ÂNBITO DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: Manoela de Oliveira Santos

ROSSONI H.A.LEMOS, C. F.; SANTANA, M. A.. LEVANTAMENTO DA COMPOSIÇÃO GRAVIMÉTRICA DOS RESÍDUOS SÓLIDOS GERADOS NA UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL-MG. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: Fernanda Aparecida Menezes

ROSSONI H.A.LEMOS, C. F.; MIRANDA, R.. LOGISTICA REVERSA DE EMBALAGENS DE DEFENSIVOS AGRÍCOLAS. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: Bruna Mariane Diniz Alves

BALDOTTO, M.A.; BALDOTTO, L. E. B.;LEMOS, C. F.. FRAÇÕES DE MATERIA ORGÂNICA DE SOLOS MANEJOS COM INTEGRAÇÃO LAVOURA PECUÁRIA E FLORESTA. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em AGRONOMIA) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: BEATRTIZ

LEMOS, C. F.ROSSONI H.A.; SANTANA, M. A.. ANALISE DO GERENCIAMENTO DOS RESÍDUOS SÓLIDOS DA CONSTRUÇÃO CIVIL E DE DEMOLIÇÃO DO MUNICÍPIO DE FLORESTAL - MG. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: Tuane dos Santos Dutra

ROSSONI H.A.LEMOS, C. F.MOREIRA, M.A.N.. ÍNDICE DE CONSCIÊNCIA AMBIENTAL DOS PRATICANTES DE MONTAIN BIKE DE FLORESTAL - MG. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: Jorge Luis Alves de Sousa

SIMPLICIO, A. T.LEMOS, C. F.; COSTA, R. C.. NÍVEIS DE RUÍDO NO AMBIENTE DE TRABALHO DOS PROFESSORES DE UMA ESCOLA PÚBLICA DE MARAVILHAS-MG. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: Cíntia Cândida Braga

SIMPLICIO, A. T.LEMOS, C. F.; OLIVEIRA, R. S. A.. NÍVEIS DE RUÍDO E SUA PERCEPÇÃO SUBJETIVA ENTRE PROFESSORES E ESTUDANTES DO ENSINO MÉDIO. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: ALINE FIDELIS FERREIRA E JENNEFER SOARES MIRANDA

LEMOS, F.ROSSONI H.A.SIMPLICIO, A. T.. DIAGNÓSTICO DO ECODESIGN DO NOVO RESTAURANTE UNIVERSITÁRIO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: BIANCA PAULA SILVA SOUZA E AMANDA DOS SANTOS TEIXEIRA

LEMOS, F.ROSSONI H.A.; RIBEIRO, T. B.;SIMPLICIO, A. T.. COMPARAÇÃO CLIMATOLÓGICA EM BELO HORIZONTE EM DOIS PERÍODOS ENTRE 1961 E 2016. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: KYWENNY SKERTS DE FEIGUEIREDO E LARISSA GOMES SILVA

ROSSONI H.A.LEMOS, F.; SANTANA, M. A.. ANÁLISE ESPACIAL DA POLUIÇÃO VISUAL NO MUNICÍPIO DE FLORESTAL- MG. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: ANA CAROLINA TAVARES DE OLIVEIRA E FERNANDO LUCIO BOURGANOS

RIBEIRO, T. B.;LEMOS, C. F.ROSSONI H.A.. ESTUDO DE AUTODEPURAÇÃO DO RIBEIRÃO DAS LAGES EM FLORESTAL - MG. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: Daniel Gustávo da Cruz

SIMPLICIO, A. T.LEMOS, C. F.; SILVA, A. N.. NÍVEIS DE RUÍDO NAS AULAS DE EDUCAÇÃO FÍSICA EM DIFERENTES AMBIENTES. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: PAULO CORREIA DE ARAUJO ÁVILA

LEMOS, C. F.ROSSONI H.A.; GOUVEIA, L. C.; RIBEIRO, T. B.. ESTUDO DOS PROCESSOS USUAIS DE COMPOSTAGEM E A COMPOSTEIRA ECONÔMICA " FABRICA DE HÚMUS". 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: Andreia Rios

SIMPLICIO, A. T.LEMOS, C. F.; LEITE, C. A. M.. ANTROPOMÉTRIA DA POSTURA SENTADA E MOBILIÁRIO ESCOLAR PARA CRIANÇAS DE 4 A 6 ANOS DE IDADE. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: Claudineia Silva Teixeira Oliveira

SIMPLICIO, A. T.LEMOS, C. F.; LEITE, C. A. M.. O RUIDO NO AMBIENTE ESCOLAR DO ENSINO FUNDAMENTAL DE FLORESTAL - MG. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: Ana Carolina de O

ROSSONI H.A.LEMOS, C. F.; GOUVEIA, L. C.; RIBEIRO, T. B.. MURTA E MARIANA VIRGINIA ANDRADE MACIEL.AVALIAÇÃO DA DISPONIBILIDADE E QUALIDADE DAS ÁGUAS PLUVIAIS CAPTADAS NO PAVILHÃO DE AULAS "E" DA UNIOVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: ISABELA GONÇALVES SILVA GALDINO E MARCOS ANTONIO ARAUJO

LEMOS, C. F.ROSSONI H.A.; PEREIRA, D. R.. ESTIMATIVA DA PRODUÇÃO DE BIOGÁS POR MEIO DA CONSTRUÇÃO DE BIODIGESTOR COM MATERIAIS REAPROVEITÁVEIS: ESTUDO DE CASO DA FAZENDA LUA NOVA- MATEUS LEME-MG. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: PAULO CORREA DE ARAÚJO ÁVILA

LEMOS, C. F.; RIBEIRO, T. B.; GOUVEIA, L. C.. ESTUDO DA PRODUÇÃO DE COMPOSTO ORGÂNICO POR MEIO DA COMPOSTEIRA ECONÔMICA " FÁBRICA DE HÚMUS". 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: RODRIGO DE OLIVEIRA ALVES E ISMAEL NATANAEL DE OLIVEIRA

LEMOS, C. F.GIUDICE, M. P.; RIBEIRO, T. B.. PRODUÇÃO DE HUMUS ATRAVÉS DE VERMI COMPOSTAGEM UTILIZANDO ESTERCO BOVINO E PALHA DE ARROZ. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: ERIQUE FELIPÉ OLIVEIRA

RIBEIRO, T. B.;LEMOS, C. F.; PEREIRA, D. R.. PROJETO CONCEITUAL DE MORADIA SUSTENTÁVEL A BAIXO CUSTO. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: MARCOS PAULO VIGATO MAIA E MARINA PEREIRA BERGER

LEMOS, C. F.; RIBEIRO, T. B.;ROSSONI H.A.. CÁLCULO DO ESTOQUE DE CARBONO EM UMA PLANTAÇÃO DE EUCALIPTO (corymbia citriodora) NO MUNICÍPIO DE FLORESTAL-MG. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: MANUELA MEDEIROS METZKER

LEMOS, C. F.MOREIRA, M.A.N.ROSSONI H.A.. PROJETO TRILHAS ECOLÓGICAS INTERPRETATIVAS: UM ESPAÇO PARA PROMOVER A EDUCAÇÃO AMBIENTAL NO CAMPUS DA UFV - FLORESTAL , MG.. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: FELIPE FOCHAT SILVA MELO E RENATA SOARES PINTO

CAMPOS, S.LEMOS, C. F.; OLIVEIRA E.A.. PRATO LIMPO, CONSCIÊNCIA LIMPA" UM PROJETO CONTRA O DESPERDÍCIO IMPLEMENTADO NA CANTINA DO INSTITUTO SUPERIOR DE AGRONOMIA DE LISBOA - PORTUGAL. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: RANIUEL HENRIQUE DE OLIVEIRA E ALEX DOS SANTOS MIRANDA

LEMOS, C. F.GIUDICE, M. P.; PEREIRA, D. R.. ESTUDO E QUANTIFICAÇÃO DAS EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA PROVENIÊNTES DAS ATIVIDADES ANTRÔPOGENICAS DA UFV- CAMPUS FLORESTAL: ANO-BASE 2011. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: NATALIA MORET BARRETO E SABRINY DOS REIS PEREIRA

LEMOS, F.PEREIRA, D. S.. CARACTERIZAÇÃO E PROPOSTA DE TRATAMENTO DO EFLUENTE LÍQUIDO DA INDUSTRIA DE LATICÍNIOS DA UNIVERSIADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: ALEXIA DINIS SANTOS E INGRID STEPHANE ASSUNÇÃO BARBOSA

LEITE, B. S.LEMOS, C. F.CARVALHO, M. C. S.. ESTUDO DO GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS DA UFV - CAMPUS FLORESTAL. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: FLÁVIA MAYARA B

LEMOS, C. F.SIMPLICIO, A. T.; RIBEIRO, T. B.. LIMA e AMANDA SILVA FIDELIS.PREVALENCIA DE BAIXA ILUMINÂNCIA EM SALAS DE AULA E AMBIENTES DE TRABALHO DA UFV- CAMPUS FLORESTAL. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: CLARA SILVA C

LEMOS, C. F.CARVALHO, M. C. S.OLIVEIRA, J.R.S.. DE ARAUJO e ISABEL C. BOREL GONÇALVES.HOTELARIA SUSTENTÁVEL: HOTEL BÜHLLER - VISCONDE DE MAUÁ - RJ. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: Sônia Regina Antunes de Souza Pimentel

LEMOS, C. F.; RIBEIRO, T. B.;CAMPOS, S.. A IMPORTÂNCIA DA PERCEPÇÃO NA EDUCAÇÃO AMBIENTAL. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: THAMARA FONSECA SILVA E ALINE OLIVEIRA DE FARIA

LEMOS, C. F.OLIVEIRA, H. F. M.CARVALHO, M. C. S.LOURENCO, M. C. M.. ESTUDO DE CASO: DESASTRE " ENXURADA E INUNDAÇÕES BRUSCAS" EM FLORESTAL NO DAI 17 DE DEZEMBRO DE 2011.. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: LÍVIA MARQUES ROMERO E FRANCIELE A

LEMOS, C. F.CAMPOS, S.CARVALHO, M. C. S.. P. DUARTE.ESTUDO GEOGRÁFICO E ESTATÍSTICO DOS FOCOS DE CALOR DENTRO DO PARQUE ESTADUAL SERRA DO ROLA MOÇA. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: JESSICA AMARO FRANCO COSTA E JESSICA WRARNE COELHO

LEITE, B. S.LEMOS, C. F.MAIA, P. F.SIMPLICIO, A. T.. CONDIÇÕES OPERACIONAIS E DE FUNCIONAMENTO DA USINA DE TRIAGEM E COMPOSTAGEM, ASTRIFLORES DA CIDADE DE FLORESTAL- MG. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: EDIGREICE KAROLINE GOMES G

LEMOS, C. F.JUSTINO, F.GIUDICE, M. P.. MUNIZ E AMANDA AGUILAR GODINHO.AVALIAÇÃO DA VARIABILIDADE CLIMÁTICA DA CIDADE DE FLORESTAL - MG ( 1961- 2002). 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: RENATA ARAÚJO CUNHA TEIXEIRA E LAURA MARIA CARVALHO SCURSEL

LEMOS, C. F.JUSTINO, F.GIUDICE, M. P.. SUSTENTABILIDADE DO GRUPO O BOTICÁRIO. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: FELIPE RODRIGUS ÁVILA

LEMOS, C. F.HAMAKAWA, P. J.LOBATO, L. H. S.PEREIRA, D. S.. PROPOSTA DE SOLUÇÃO PARA OS RESÍDUOS SÓLIDOS ORGÂNICOS DA CEASAMINAS-CONTAGEM-MG. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: MIRZA MARIA DE SOUZA MENDES E PETRÚCIA ANANIAS SAMPAIO

SANCHES, N.M.LEMOS, C. F.LEITE, B. S.. PERSPECTIVA MICROBIOLÓGICA DO POTENCIAL RECREATIVO DA BARRAGEM DE FLORESTAL. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: Flávia M

LEMOS, C. F.HAMAKAWA, P. J.GIUDICE, M. P.. DE OLIVERIRA, MARINA DRESLER, PATRÍCIA L. DE MORES.ESTIMATIVA DO CARBONO PRESENTE NA BIOMASSA VEGETAL ARBÓREA NA ZONA DE TRANSIÇÃO ENTRE OS BIOMAS MATA ATLÂNTICA E O CERRADO. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: Giovanna Bauer Valério

QUEIROZ, R. A.LEMOS, C. F.CARMO, M. B.. AVALIAÇÃO DO CONHECIMENTO DO PRODUTOR DE LEITE SOBRE A LEGISLAÇÃO AMBIENTAL APLICADA EM SEU EMPREEDIMENTO: ESTUDO DE CASO NO MUNICÍPIO DE FLORESTAL - MG. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: Amanda Cristina Diniz Alves

RIBEIRO R. F.LEMOS, C. F.. AS PRÁTICAS EXTENSIONISTAS DA EMATER NA MICRORREGIÃO DE PARÁ DE MINAS FRENTE À NOVO POLÍTICA NACIONAL DE ASSISTÊNCIA TÉCNICA E EXTENSÃO RURAL (PNATER). 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CIÊNCIAS SOCIAIS) - Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais.

Aluno: LARRISSA C

LEITE, S.A.P.LEMOS, C. F.SILVA, T.V.LEITE, B. S.. STACIOLA, RONALD A. FONSECA, UANDERSON D.PEREIRA.LEVANTAMENTO DE ASPECTOS E IMPACTOS AMBIENTAIS NA PRODUÇÃO DE BIODIESEL. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: GIOVCANA RUIZ MARTINS, VICTOR IRINEU OLIVEIRA

LEITE, S.A.P.LEMOS, C. F.SANCHES, N.M.. AVALIAÇÃO DA CONTAMINAÇÃO POR Echerichiq Coli EM AMOSTRAS DE ÁGUA DE LAGOA. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: Jéssica R

LEMOS, C. F.CARDOSO, F. F.QUEIROZ, R. A.. D. JUNQUEIRA, MARIANA N. MORAIS, VINICIUS D. FRIAS.LEVANTAMENTO DE NASCENTES DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA CAMPUS FLORESTAL. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: ANGELO ALVES AMORIM, BRUNO JANUÁRIO DA SILVA

ABRAHÃO S. A.LEMOS, C. F.; BRAGA, F.A.. SISTEMA DE INFORMAÇÕES GEOGRÁFICAS PARA O LEVANTAR O USO E OCUPAÇÃOS DO SOLO NO CAMPUS DE FLORESTAL DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: Flávia M

LEMOS, C. F.; BRAGA, F.A.;OLIVEIRA, J.R.S.SILVA, T.V.. DE OLIVEIRA, MARINA DRESSLER, PATRÍCIA L DE MORAES.CÁLCULO DE CARBONO DA BIOMASSA ÁRBOREA NA ZONA DE TRANSIÇÃO DO BIOMA DE MATA ATLÃNTICA COM O CERRADO. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: DÁLISON DE OLIVEIRA SOUZA, ERLI MACIEL VIEIRA

BALDOTTO, M.A.LEMOS, C. F.; BRAGA, F.A.. ESTOQUE DE CARBONO E FERTILIDADE DO SOLO SOB DIFERENTES COBERTURAS ADJACENTES A SISTEMAS LACUSTRES DA BACIA DO RIO PARAOPEBA. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: Wellington Pinheiro da Silva,Clauber Augusto Costa

LEMOS, C. F.POZZA A. A.A.; BRAGA, F.A.. CÁLCULO DO CARBONO NA BIOMASSA NÃO-VIVA E NO SOLO DA MATA ATLÂNTICA DA UFV-CAMPUS FLORESTAL. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: BRENNER B

LEMOS, C. F.OLIVEIRA, J.R.S.; BRAGA, F.A.. F. Silva, Bruno da S. Marques, Moisés L.B.Guedes.Educação Ambiental: Abordagem da temática ambiental no curso Técnico em Agropecuária concomitante ao ensino médio da UFV/Campus de Florestal. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: Vinícius Silva Xisto, Túlio Dahyer de Faria

LEMOS, C. F.CARDOSO, F. F.; BRAGA, F.A.. RESGATE DE CARNONO EM ÁREA DE MATA ATLÂNTICA NO CAMPUS DE FLORESTAL, MG (CEDAF). 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Aluno: Luana P

LEMOS, C. F.SIMPLICIO, A. T.QUEIROZ, R. A.. Miranda,Tânia M. do E. Santo,Awiri Cardoso Castro.Estudo da Qualidade da Água do Ribeirão Camarão. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

LEMOS, C. F.LEITE, B. S.TRISTAO, J. C.. BANCA PARA PROFESSOR SUBSTITUTO. 2013. UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

LEMOS, C. F.LEITE, S.A.P.; BRAGA, F.A.. Banca de Concurso para Professor substituto na área de Planejamento e Gestão de Recursos Hídricos; Controle e Tratamento de Resíduos; Hidráulica; Gestão Ambiental e Sustentabilidade, conforme edital 142/2012. 2012. UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

LEITE, S.A.P.LEMOS, C. F.; BRAGA, F.A.. Banca de Concurso para Professor substituto na área de Planejamento e Gestão de Recursos Hídricos; Controle e Tratamento de Resíduos; Hidráulica; Gestão Ambiental e Sustentabilidade, conforme edital 109/2011.. 2011. UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

AMORIMSOUZA I.F.LEMOS, C. F.. BANCA PARA PROFESSOR EFETIVO EDITAL 029/2010 ÁREA: CLIMATOLOGIA. 2010. Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

LEMOS, C. F.ROSSONI H.A.. Banca Examinadora do concurso para professor substituto na área de planejamento e gestão de recursos hídricos e saneamento ambiental.. 2009.

SEDYAMALEMOS, C. F.. IMPACTO DO AUMENTO DE CO2 NO CLIMA DO HEMISFÉRIO SUL BASEADO EM SIMULAÇÕES NUMÉRICAS DE LONGO TEMPO. 2009. Universidade Federal de Viçosa.

LEMOS, C. F.; OLIVEIRA JR, A. F.;ROSSONI H.A.. EXAME DE QUALIFICAÇÃO - SISTEMAS DE RECUPERAÇÃO E REGENERAÇÃO DO RESÍDUO AREIA DE FUNDIÇÃO: diagnóstico da aplicabilidade em termos ambientais e econômicos DIVINÓPOLIS 2018. 2018. Instituto Federal Minas Gerais (MG) - BAMBUÍ.

LEMOS, C. F.; OLIVEIRA JR, A. F.; CABANELLAS, C.. PRESIDENTE DA BANCA EXAMINADORA DO MESTRADO PROFISSIONAL DA IFMG. 2016. Instituto Federal Minas Gerais.

LEMOS, C. F.; SILVA, J. R.; OLIVEIRA JR, A. F.. PRESIDENTE DA BANCA EXAMINADORA DO MESTRADO PROFISSIONAL DA IFMG. 2015. Instituto Federal Minas Gerais.

LEMOS, C. F.; GOMES, N. F.; SENNA, B.. PRESIDENTE DA BANCA DE QUALIFICAÇÃO DO ALUNO CARLOS ROBERTO S. COSTA DO MESTRADO PROFISSIONAL DA IFMG. 2015. Instituto Federal Minas Gerais.

LEMOS, C. F.; SENNA, B.; FRANCA, F.. PRESIDENTE DA BANCA DE QUALIFICAÇÃO DO ALUNO LEONARDO GOMES LARA DO MESTRADO PROFISSIONAL DA IFMG. 2015. Instituto Federal Minas Gerais.

CARPIO, R. C.;LEMOS, C. F.; SILVA, R. A.. MEMBRO DA BANCA DE QUALIFICAÇÃO DA ALUNA LÍVIA GOULART DO MESTRADO PROFISSIONAL DA IFMG. 2015. Instituto Federal Minas Gerais.

GOMES, N. F.;LEMOS, C. F.; SILVA, R. A.. MEMBRO DA BANCA DE QUALIFICAÇÃO DA ALUNA CRISTIANE FERREIRA PIMENTA DO MESTRADO PROFISSIONAL DA IFMG. 2015. Instituto Federal Minas Gerais.

CARPIO, R. C.;LEMOS, C. F.; CORREA, R. M.. MEMBRO DA BANCA DE QUALIFICAÇÃO DA ALUNA RICARDO DE LIMA SILVA DO MESTRADO PROFISSIONAL DA IFMG. 2015. Instituto Federal Minas Gerais.

OLIVEIRA JR, A. F.;LEMOS, C. F.; CUPOLILLO, F.. MEMBRO DA BANCA DE QUALIFICAÇÃO DA ALUNA FERNANDA RAGGI DO MESTRADO PROFISSIONAL DA IFMG. 2015. Instituto Federal Minas Gerais.

LEMOS, C. F.; CAVALCANTI, R. S.. BANCA EXAMINADORA DO MESTRADO PROFISSIONAL DO IFMG - BAMBUÍ - MG. 2014. Instituto Federal Minas Gerais - BAMBUÍ.

ABRAHÃO S. A.LEMOS, C. F.GUEDES, D.. Comissão Examinadora do Concurso de Monitor Nível I para a disciplina TGA210 ? Topografia e Introdução ao GPS. 2012. UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

CACILDA NASCIMENTO DE CARVALHO

MADDOCK, John E. L.;CARVALHO, C. N.; MELLO, William Zamboni de; FISCH, Gilberto Fernando; MENEZES, Wallace Figueiredo. O Ìndice de Haines com Indicador de Desenvolvimento dos Focos de Calor no Brasil através do Modelo Regional EA.. 2006. Tese (Doutorado em Geociências (Geoquímica)) - Universidade Federal Fluminense.

CACILDA NASCIMENTO DE CARVALHO

MADDOCK, John E. L.;CARVALHO, C. N.; MENEZES, Wallace Figueiredo; MELLO, William Zamboni de. Cobertura vegetal e uso da terra no Brasil: causas e consequências de queimadas.. 2004. Exame de qualificação (Doutorando em Geociências (Geoquímica)) - Universidade Federal Fluminense.

John Edmund Lewis Maddock

MADDOCK, J. E. L.; FISCH, Gilberto Fernando; CARVALHO, Cacilda N de; MELLO, William Zamboni de; MENEZES, Wallace. O índice de Haines como indicador de desenvolvimento dos focos de calor no Brasil através do modelo "Eta".. 2006. Tese (Doutorado em Geociências (Geoquímica)) - Universidade Federal Fluminense.

Gilberto Fernando Fisch

MADDOCK, J. E. L.;FISCH, G.; MENEZES, W.; NASCIMENTO, C.; MELLO, W. Z.. O índice de Haines como indicador de desenvolvimento de focos de calor no Brasil através do modelo regional Eta. 2006. Tese (Doutorado em Geociências (Geoquímica)) - Universidade Federal Fluminense.

William Zamboni de Mello

MADDOCK, John Edmund Lewis;de Mello, W. Z.; FISH, Gilberto Fernando; MENEZES, Wallace; NASCIMENTO, Cacilda de Carvalho. O Indice de Haines como indicador de desenvolvimento dos focos de calor no Brasil através do Modelo Regional Eta. 2006. Tese (Doutorado em Geociências (Geoquímica)) - Universidade Federal Fluminense.

William Zamboni de Mello

MADDOCK, John Edmund Lewis;de Mello, W. Z.; CARVALHO, Cacilda Nascimento de; MENEZES, Wallace Figueiredo. Cobertura vegetal e uso da terra no Brasil: causas e conseqüências de queimadas. 2004. Exame de qualificação (Doutorando em Geociências (Geoquímica)) - Universidade Federal Fluminense.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Orientou

CÁSSIA BEATRIZ DA SILVA MARINHO

ANÁLISE DA GERAÇÃO DE RESÍDUOS ELETRÔNICOS E SUAS CONSEQUENCIAS AMBIENTAIS; Início: 2016; Dissertação (Mestrado profissional em MESTRADO EM SUSTENTABILIDADE E TECNOLOGIAS AMBIENT) - Instituto Federal Minas Gerais; (Orientador);

Sylvia Karla Candêa

RECUPERAÇÃO TÉRMICA DO RESÍDUO AREIA DE FUNDIÇÃO: diagnóstico e aplicação em fundições do centro oeste mineiro; Início: 2016; Dissertação (Mestrado profissional em SUSTENTABILIDADE E TECNOLOGIAS AMBIENTAIS) - Instituto Federal Minas Gerais; (Orientador);

RODRIGO RIBEIRO PIGNATON

PROPOSTA METODOLÓGICA PARA SUBSIDIAR A ELABORAÇÃO DE DIAGNÓSTICOS CLIMATOLÓGICOS PARA EMPREENDIMENTOS PASSÍVEIS DE REGULARIZAÇÃO AMBIENTAL NO ESTADO DE MINAS GERAIS; Início: 2015; Dissertação (Mestrado profissional em SUSTENTABILIDADE E TECNOLOGIAS AMBIENTAIS) - Instituto Federal Minas Gerais; (Coorientador);

Alvaro Javier Avila Diaz

Evolução temporal de precipitação nas regiões serranas dos estados do Rio de Janeiro e Santa Catarina: perspectivas em desastres naturais; ; Início: 2015; Dissertação (Mestrado profissional em Meteorologia Aplicada DEA) - Universidade Federal de Viçosa, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais; (Coorientador);

Denise Aparecida Antunes

BALANÇO HIDRICO DAS ESTAÇÕES METEOROLOGICAS DO ENTORNO DO PARQUE ESTADUAL DO RIO DOCE (PERD), PERÍODO DE 2005 A 2015; Início: 2015; Dissertação (Mestrado profissional em SUSTENTABILIDADE E TECNOLOGIAS AMBIENTAIS) - Instituto Federal Minas Gerais; (Coorientador);

Thiago Martins Teixeira

GESTÃO DE RESÍDUOS SÓLIDOS MUNICIPAIS; ALTERNATIVAS PARA USO ECONÔMICO DOS RESÍDUOS GERADOS POR PODA E SUPRESSÃO DA ARBORIZAÇÃO URBANA; ; Início: 2013; Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO AMBIENTAL (LATU SENSO)) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; (Orientador);

KARINA ALVES MÁXIMA

UTILIZAÇÃO DE MICRORGANISMOS EFICIENTES NO PROCESSO DE COMPOSTAGEM DE LODO BIOLÓGICO E GORDURA DO SISTEMA DE TRATAMENTO DE EFLUENTES DE UM LATICÍNIO; ; 2018; Dissertação (Mestrado em SUSTENTABILIDADE E TECNOLOGIAS AMBIENTAIS) - Instituto Federal Minas Gerais,; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Leonardo Gomes Lara

Plano de Ação para a Redução de Emissões dos Gases de Efeito Estufa (GEE) do Município de Betim/MG, a partir da Análise do seu Inventário; ; 2017; Dissertação (Mestrado em SUSTENTABILIDADE E TECNOLOGIAS AMBIENTAIS) - Instituto Federal Minas Gerais,; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Thiago Henrique Martins Pereira

OTIMIZAÇÃO DA PRODUÇÃO DE COMBUSTIVEL ALTERNATIVO DE UMA UNIDADE DE VALORIZAÇÃO ENERGÉTICA; 2017; Dissertação (Mestrado em SUSTENTABILIDADE E TECNOLOGIAS AMBIENTAIS) - Instituto Federal Minas Gerais,; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Carlos Roberto de Souza Costa

ANÁLISE DE VIABILIDADE DO USO DE ENERGIAS RENOVÁVEIS NA PRODUÇÃO DE AVES; 2016; Dissertação (Mestrado em SUSTENTABILIDADE E TECNOLOGIAS AMBIENTAIS) - Instituto Federal Minas Gerais,; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

ELIAS VASCONCELOS RESENDE

ANALISE ESPACIAL E QUANTITATIVA DE CAPTAÇÃO E REAPROVEITAMENTO DE ÁGUAS PLUVIUAIS EM TELHADOS; 2016; Dissertação (Mestrado em MESTRADO EM SUSTENTABILIDADE E TECNOLOGIAS AMBIENT) - Instituto Federal Minas Gerais,; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Fernanda Raggi Grossi Silva

Análise dos gases provenientes de usinas terméletricas do estado de Minas Gerais; 2015; Dissertação (Mestrado em MESTRADO EM SUSTENTABILIDADE E TECNOLOGIAS AMBIENT) - Instituto Federal Minas Gerais,; Coorientador: Carlos Fernando Lemos;

Ricardo de Lima Silva

Controle ambiental em usinas de cimento; 2015; Dissertação (Mestrado em MESTRADO EM SUSTENTABILIDADE E TECNOLOGIAS AMBIENT) - Instituto Federal Minas Gerais,; Coorientador: Carlos Fernando Lemos;

ANNE CATHERINE GILOT

CÁLCULO ALOMETRICO NA TRANSIÇÃO DE MATA ATLÃNTICA E CERRADO BRASILEIRO; 2011; Dissertação (Mestrado em METEOROLOGIA AGRICOLA) - UNIVERSITY OF ILLINOIS - CHICAGO - UNITED STATES,; Coorientador: Carlos Fernando Lemos;

ANAILTON SALE DE MELO

Avaliação do Risco de Queimadas em Duas Condições Climáticas Distintas: Último Maximo Glacial e Aquecimento Global; 2007; Dissertação (Mestrado em Engenharia Agrícola e Ambiental) - Universidade Federal de Viçosa,; Coorientador: Carlos Fernando Lemos;

Kelry Borges de Vasconcelos

GERENCIAMENTO DOS RESÍDUOS DA CONSTRUÇÃO CIVIL EM BELO HORIZONTE ? MG: COMPREENSÃO PARA A IMPLANTAÇÃO NO CANTEIRO DE OBRA; 2014; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO AMBIENTAL (LATU SENSO)) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

MARIA JOSÉ DA FONSECA DINIZ OLIVEIRA

DIAGNÓSTICO DA PERCEPÇÃO AMBIENTAL DE ALUNOS DO COLÉGIO EDUCACIONAL DE SÃO GONÇALO DO RIO ABAIXO ? MG; 2014; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO AMBIENTAL (LATU SENSO)) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Rachel Carvalho

CONSIDERAÇÕES ACERCA DA POLÍTICA NACIONAL DE RESÍDUOS SOLÍDOS EM CAMPOS DOS GOYTACAZES/RJ; 2014; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO AMBIENTAL (LATU SENSO)) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Beatriz Vieira Pimenta Gonçalves

ANÁLISE DO GERENCIAMENTO DOS RESÍDUOS S´LIDOS DA CONSTRUÇÃO CIVIL E DE DEMOLIÇÃO DO MUNICÍPIO DE FLORESTAL-MG; 2018; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

LUCAS MORAIS OLIVEIRA

ANÁLISE CLIMATOLÓGICA DOS FOCOS DE CALOR NOS BIOMAS DO ESTADOS DE MINAS GERAIS; 2018; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Edmaura Candida dos Santos

PROJETO DE COMPOSTAGEM DOS RESÍDUOS ORGANICOS DO NOVO REFEITORIO UNIVERSITÁRIO DA UFV- FLORESTAL-MG; 2018; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Juliana Jéssica Gomes

ANÁLISE DA POLUIÇÃO SONORO NA PRAÇA SETE DE SETEMBRO EM BELO HORIZONTE; ; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Adriano Souza Santos

ESTUDO DE AUTO´-DEPURAÇÃO DAS AGUAS CINZAS DA FAZENDA LUA NOVA EM MATEUS LEME-MG; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

BIANCA PAULA SILVA SOUZA E AMANDA DOS SANTOS TEIXEIRA

COMPARAÇÃO CLIMATOLÓGICA EM BELO HORIZONTE EM DOIS PERÍODOS ENTRE 1961 E 2016; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

ALINE FIDELIS FERREIRA E JENNEFER SOARES MIRANDA

DIAGNÓSTICO DO ECO DESIGN DO NOVO RESTAURANTE UNIVERSITÁRIO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA ? CAMPUS FLORESTAL; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

PAULO CORREA DE ARAÚJO ÁVILA

ESTUDO DA PRODUÇÃO DE COMPOSTO ORGANICO POR MEIO DA COMPOSTEIRA ECONÔMICA; 2016; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

ISABELA GONÇALVES SILVA GALDINO E MARCOS ANTONIO ARAUJO

ESTIMATIVA DA PRODUÇÃO DE BIOGÁS POR MEIO DA CONSTRUÇÃO DE BIODIGESTOR COM MATERIAIS REAPROVEITÁVEIS: ESTUDO DE CASO DA FAZENDA LUA NOVA - MATEUS LEMSO-MG; 2016; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

MARCOS PAULO VIGATO MAIA e MARINA PERREIRA BERGER

CÁLCULO DE ESTOQUE DE CARBONO EM UMA PLANTAÇÃO DE EUCALIPTPO ( Corimbia Cittriodora) NO MUNICÍPIO DE FLORESTAL - MG; 2015; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Rodrigo de Oliveira Alves

PRODUÇÃO DE HUMUS ATRAVÉS DE VERMI COMPOSTAGEM UTILIZANDO ESTERCO BOVINO E PALHA DE ARROZ; 2015; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

ISMAEL NATANAEL DE OLIVEIRA

PRODUÇÃO DE HUMUS ATRAVÉS DE VERMI COMPOSTAGEM UTILIZANDO ESTERCO BOVINO E PALHA DE ARROZ; 2015; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

MANUELA MEDEIROS METZKER

PROJETO TRILHAS ECOLÓGICAS INTERPRETATIVAS: UM ESPAÇO PARA PROMOVER A EDUCAÇÃO AMBIENTAL NO CAMPUS UFV- FLORESTAL, MG; 2015; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Alex dos Santos Miranda

CÁLCULO DO DIÓXIDO DE CARBONO EQUIVALENTE (CO2e) DAS ATIVIDADES ANTROPOGÊNICAS NA UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA ? FLORESTAL: ANO- BASE DE 2011; 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

RANIEL HENRIQUE DE OLIVEIRA

CÁLCULO DO DIÓXIDO DE CARBONO EQUIVALENTE (CO2e) DAS ATIVIDADES ANTROPOGÊNICAS NA UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA ? FLORESTAL: ANO- BASE DE 2011; 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

CLARA SILVA C

DE ARAUJO; HOTELARIA SUSTENTÁVEL: HOTEL BÜHLLER - VISCONDE DE MAUÁ - RJ; 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

FLÁVIA MAYARA B

LIMA; ANÁLISE DA QUALIDADE DA ILUMINÂNCIA EM SALAS DE AULA E AMBIENTES DE TRABALHO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA; 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Sônia Regina Antunes de Souza Pimentel

A IMPORTÂNCIA DA PERCEPÇÃO NA EDUCAÇÃO AMBIENTAL; 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Isabel C

BOREL GONÇAL; HOTELARIA SUSTENTÁVEL: HOTEL BÜHLLER - VISCONDE DE MAUÁ - RJ; 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

AMANDA SILVA FIDELIS

ANÁLISE DA ILUMINÂNCIA EM AMBIENTES DE TRABLHO EM SALAS DE AULA DA UFV- CAMPUS FLORESTAL; 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

THAMARA FONSECA SILVA

ESTUDO DE CASO: DESASTRE "ENXURADA OU INUNDAÇÕES BRUSCAS" EM FLORESTAL NO DIA 17 DE DEZEMBRO DE 2011; ; 2013; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

EDGRAICE K

G; GUSMÃO; AVALIAÇÃO DA VARIABILIDADE CLIMÁTICA DA CIDADE DE FLORESTAL - MG (1961 - 2002); 2013; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

AMANDA AGUIAR GONDINHO

AVALIAÇÃO DA VARIABILIDADE CLIMÁTICA DA CIDADE DE FLORESTAL - MG (1961 - 2002); 2013; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Aline O

DE FARIA; ESTUDO DE CASO: DESASTRE " ENXURADA OU INUNDAÇÕES BRUSCAS" EM FLORESTAL NO DIA 17 DE DEZEMBRO DE 2011; 2013; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

LÍVIA MARQUES ROMERO

ESTUDO GEOGRÁFICO E ESTATÍSTICO DOS FOCOS DE CALOR DENTRO DO PARQUE ESTADUAL SERRA DO ROLA MOÇA - PESRM; 2013; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Franciele A

P; DUARTE; ESTUDO GEOGRÁFICO E ESTATÍSTICO DOS FOCOS DE INCÊNDIO DENTRO DO PARQUE ESTADUAL SERRA DO ROLA MOÇA (PESRM); 2013; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

MARINA DRESLER

ESTIMATIVA DO CARBONO PRESENTE NA BIOMASSA VEGETAL ARBÓREA NA ZONA DE TRANSIÇÃO ENTRE OS BIOMAS MATA ATLÃNTICA E O CERRADO; 2012; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Flavia Martins de Oliveira

ESTIMATIVA DO CARBONO PRESENTE NA BIOMASSA VEGETAL ARBÓREA NA ZONA DE TRANSIÇÃO ENTRE OS BIOMAS MATA ATLÂNTICA E O CERRADO; 2012; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

PATRÍCIA LIBANO

ESTIMATIVA DO CARBONO PRESENTE NA BIOMASSA VEGETAL ARBÓREA NA ZONA DE TRANSIÇÃO ENTRE OS BIOMAS MATA ATLÂNTICA E O CERRADO; 2012; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

WELLINGTON PINHEIRO DAS SILVA

ESTIMATIVA DO CARBONO NA BIOMASSA NÃO-VIVA E NO SOLO SOB COBERTURA DE MATA ATLÂNTICANO CAMPUS FLORESTAL DA UFV; 2010; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Clauber Augusto Costa

ESTIMATIVA DO CARBONO NA BIOMASSA NÃO-VIVA E NO SOLO SOB COBERTURA DE MATA ATLÂNTICANO CAMPUS FLORESTAL DA UFV; 2010; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Elias Victor Brandão Gontijo

Projeto de Reciclagem e reutilização de Papel dentro do Campus de Florestal da Universidade Federal de Viçosa; ; 2009; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE DO VALE DO RIO VERDE; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

AWIRI CARDOSO CASTRO

ESTUDO DA QUALIDADE DA ÁGUA DO RIBEIRÃO CAMARÃO; 2009; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CEDAF; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

TULIO DAHYER

RESGATE DE CARBONO NA ÁREA DE MATA ATLÂNTICA NO CAMPUS DE FLORESTAL- MG (CEDAF); 2009; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CEDAF; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

BRENNER B

F; SILVA; CONSTRUÇÃO DA TEMÁTICA AMBIENTAL NO CURSO TÉCNICO EM AGROPECUÁRIA CONCOMITANTE AO ENSINO MÉDIO DA UFV /CAMPUS FLORESTAL; 2009; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CEDAF; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Bruno da S

MARQUES; CONSTRUÇÃO DA TEMÁTICA AMBIENTAL NO CURSO TÉCNICO EM AGROPECUÁRIA CONCOMITANTE AO ENSINO MÉDIO DA UFV /CAMPUS FLORESTAL; 2009; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

LUANA PAULINA MIRANDA

ESTUDO DA QUALIDADE DA ÁGUA DO RIBEIRÃO CAMARÃO; 2009; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

TÂNIA MARIA DO ESPÍRITO SANTO

ESTUDO DA QUALIDADE DA ÁGUA DO RIBEIRÃO CAMARÃO; 2009; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

VINICIUS XISTO

RESGATE DE CARBONO NA ÁREA DE MATA ATLÂNTICA NO CAMPUS DE FLORESTAL- MG (CEDAF); 2009; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Beatriz Vieira Pimenta

ESTÁGIO SUPERVISIONADO; 2018; Orientação de outra natureza; (CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Edilaene Campos Ferreira

ESTÁGIO SUPERVISIONADO; 2018; Orientação de outra natureza; (CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Isabel Freire Correia

ESTÁGIO SUPERVISIONADO; 2018; Orientação de outra natureza; (CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Lucas Morais de Oliveira

ESTÁGIO SUPERVISIONADO; 2018; Orientação de outra natureza; (CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Patrícia Aparecida de Sousa

ESTÁGIO SUPERVISIONADO; 2018; Orientação de outra natureza; (CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Rafael Barata Alves Machado

ESTÁGIO SUPERVISIONADO; 2018; Orientação de outra natureza; (CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Rayane da Cruz dos Santos

ESTÁGIO SUPERVISIONADO; 2018; Orientação de outra natureza; (CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Tuane dos Santos Dutra

ESTÁGIO SUPERVISIONADO; 2018; Orientação de outra natureza; (CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

ADRIANA PAULA SILVA SOUZA

ESTÁGIO SUPERVISIONADO; 2017; Orientação de outra natureza; (CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Aline Fidelis Ferreira

ESTÁGIO SUPERVISIONADO; 2017; Orientação de outra natureza; (CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Amanda dos Santos Teixeira

ESTÁGIO SUPERVISIONADO; 2017; Orientação de outra natureza; (CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Ana Paula dos Santos Silva

ESTÁGIO SUPERVISIONADO; 2017; Orientação de outra natureza; (CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Bianca Ferreira de Almeida

ESTÁGIO SUPERVISIONADO; 2017; Orientação de outra natureza; (CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Diego Allan Batista da Silva

ESTÁGIO SUPERVISIONADO; 2017; Orientação de outra natureza; (CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Fabricio Coelho dos Santos

ESTÁGIO SUPERVISIONADO; 2017; Orientação de outra natureza; (CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Isabel Ragazzi Egidio Pereira

ESTÁGIO SUPERVISIONADO; 2017; Orientação de outra natureza; (CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Jéssica Ribeiro de oliveira

ESTÁGIO SUPERVISIONADO; 2017; Orientação de outra natureza; (CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Kywenny Skerts de Figueiredo

ESTÁGIO SUPERVISIONADO; 2017; Orientação de outra natureza; (CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Larissa Gomes Silva

ESTÁGIO SUPERVISIONADO; 2017; Orientação de outra natureza; (CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Neilor Carmanini Machado

ESTÁGIO SUPERVISIONADO; 2017; Orientação de outra natureza; (CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Rodrigo Andrade Oliveira

ESTÁGIO SUPERVISIONADO; 2017; Orientação de outra natureza; (CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Ana Carolina de Oliveira Murta

ESTÁGIO SUPERVISIONADO; 2016; Orientação de outra natureza; (CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Gabriel Angelo Saraiva Raimundo

PROJETO PRO PAPEL; 2014; Orientação de outra natureza; (MEIO AMBIENTE) - CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS - CAMPUS I; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

MARCIA CRISTINA ALVARENGA

PLANEJAMENTO ENERGÉTICO E HIDROMETEOROLOGIA; 2011; Orientação de outra natureza; (CURSO SUPERIOR EM TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL) - Cemig Geracão e Transmissão; Orientador: Carlos Fernando Lemos;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

John Edmund Lewis Maddock

Metodos para previsão de condições propícios à propagação descontrolada de incêndios florestais e da paisagem; 2006; Tese (Doutorado em Geociências (Geoquímica)) - Universidade Federal Fluminense, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ; Orientador: John Edmund Lewis Maddock;

Gilberto Fernando Fisch

Caracterização e Variabilidade Climática do Vale do Paraíba; 2000; Dissertação (Mestrado em Bacharelado Em Meteorologia) - Universidade de Taubaté,; Orientador: Gilberto Fisch;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • SODRE, M. S. ; LEMOS, C. F. . FERRAMENTAS DE GESTÃO DOS RESÍDUOS DE SERVIÇOS DE SAÚDE.. FORSCIENCE , v. 6, p. 20-25, 2018.

  • LEMOS, C. F. . CLIMANÁLISE - V: 29 No 1 - MINISTERIO DA CIENCIA E TECNOLOGIA : 4.1 - Jato sobre a América do Sul 4.2 - Circulação da Alta da Bolívia. Climanalise (São José dos Campos) , v. 29, p. 4.1, 2014.

  • LEMOS, C. F. . CLIMANÁLISE - V: 29 No 2 - MINISTERIO DA CIENCIA E TECNOLOGIA : 4.1 - Jato sobre a América do Sul 4.2 - Circulação da Alta da Bolívia. Climanalise (São José dos Campos) , v. 29, p. 4.1-4.2, 2014.

  • LEMOS, C. F. . CLIMANÁLISE - V: 29 No 3 - MINISTERIO DA CIENCIA E TECNOLOGIA : 4.1 - Jato sobre a América do Sul 4.2 - Circulação da Alta da Bolívia. Climanalise (São José dos Campos), v. 29, p. 4.1, 2014.. Climanalise (São José dos Campos) , v. 29, p. 4.1-4.2, 2014.

  • LEMOS, C. F. . CLIMANÁLISE - V: 29 No 4 - MINISTERIO DA CIENCIA E TECNOLOGIA : 4.1 - Jato sobre a América do Sul 4.2 - Circulação da Alta da Bolívia. Climanalise (São José dos Campos), v. 29, p. 4.1, 2014.. Climanalise (São José dos Campos) , v. 29, p. 4.1, 2014.

  • LEMOS, C. F. . CLIMANÁLISE - V: 29 No 5 - MINISTERIO DA CIENCIA E TECNOLOGIA : 4.1 - Jato sobre a América do Sul. Climanalise (São José dos Campos) , v. 29, p. 4.1, 2014.

  • LEMOS, C. F. . CLIMANÁLISE - V: 29 No 6 - MINISTERIO DA CIENCIA E TECNOLOGIA : 4.1 - Jato sobre a América do Sul. Climanalise (São José dos Campos) , v. 29, p. 4.1, 2014.

  • LEMOS, C. F. . CLIMANÁLISE - V: 29 No 7- MINISTERIO DA CIENCIA E TECNOLOGIA : 4.1 - Jato sobre a América do Sul. Climanalise (São José dos Campos) , v. 29, p. 4.1, 2014.

  • LEMOS, C. F. . CLIMANÁLISE - V: 29 No 8- MINISTERIO DA CIENCIA E TECNOLOGIA : 4.1 - Jato sobre a América do Sul. Climanalise (São José dos Campos) , v. 29, p. 4.1, 2014.

  • LEMOS, C. F. . CLIMANÁLISE - V: 29 No 9- MINISTERIO DA CIENCIA E TECNOLOGIA : 4.1 - Jato sobre a América do Sul. Climanalise (São José dos Campos) , v. 29, p. 4.1, 2014.

  • LEMOS, C. F. . CLIMANÁLISE - V: 29 No 10 - MINISTERIO DA CIENCIA E TECNOLOGIA : 4.1 - Jato sobre a América do Sul. Climanalise (São José dos Campos) , v. 29, p. 4.1, 2014.

  • LEMOS, C. F. . CLIMANÁLISE - V: 29 No 11 - MINISTERIO DA CIENCIA E TECNOLOGIA : 4.1 - Jato sobre a América do Sul. Climanalise (São José dos Campos) , v. 29, p. 4.1, 2014.

  • LEMOS, C. F. . CLIMANÁLISE - V: 29 No 12 - MINISTERIO DA CIENCIA E TECNOLOGIA : 4.1 - Jato sobre a América do Sul. Climanalise (São José dos Campos) , v. 29, p. 4.1, 2014.

  • LEMOS, C. F. . CLIMANÁLISE - V: 28 No 1 - MINISTERIO DA CIENCIA E TECNOLOGIA : 4.1 - Jato sobre a América do Sul 4.2 - Circulação da Alta da Bolívia. Climanalise (São José dos Campos) , v. 28, p. 4.1-4.2, 2013.

  • LEMOS, C. F. . CLIMANÁLISE - V: 28. No 2 - MINISTERIO DA CIENCIA E TECNOLOGIA : 4.1 - Jato sobre a América do Sul 4.2 - Circulação da Alta da Bolívia. Climanalise (São José dos Campos) , v. 30, p. 4.1-4.3, 2013.

  • LEMOS, C. F. . CLIMANÁLISE ? V: 28 No 3 - MINISTERIO DA CIENCIA E TECNOLOGIA : 4.1 - Jato sobre a América do Sul 4.2 - Circulação da Alta da Bolívia. Climanalise (São José dos Campos) , v. 31, p. 4.1-4.3, 2013.

  • LEMOS, C. F. . CLIMANÁLISE ? V: 28 No 4 - MINISTERIO DA CIENCIA E TECNOLOGIA : 4.1 - Jato sobre a América do Sul 4.2 - Circulação da Alta da Bolívia. Climanalise (São José dos Campos) , v. 32, p. 4.1-4.3, 2013.

  • ROSSONI H.A. ; FARIA, M.T. S. ; ROSSONI, F. P. ; DE FARIA, B.R.N. ; LEMOS, C. F. . ANÁLISE DA PERCEPÇÃO AMBIENTAL DA CIDADE UNIVERSITÁRIA DE FLORESTAL, MINAS GERAIS ? BRASIL. Caminhos de Geografia (UFU) , v. 13, p. 240-251, 2012.

  • LEMOS, C. F. ; JUSTINO, F. ; COSTA ; MADDOCK, J. E. L. . DISTRIBUIÇÃO ESPACIAL DO ÍNDICE DE HAINES PARA MINAS GERAIS POR ANÁLISE DA MÉDIA ATMOSFERA. Revista Brasileira de Agropecuária Sustentável (RBAS) , v. 2, p. 132-143, 2012.

  • LEMOS, C. F. ; JUSTINO, F. ; ROSSONI H.A. . COMPARAÇÃO ENTRE MÉTODOS DE RISCO DE QUEIMADAS PELO ÍNDICE DE HAINES, ANGSTRÖM, MONTE ALEGRE E O DROTERMOMÉTRICO NA REGIÃO DE VIÇOSA-MG NO PERÍODO DE 01 A 30 DE SETEMBRO DE 2003.. Revista Brasileira de Agropecuária Sustentável (RBAS) , v. 2, p. 196-208-208, 2012.

  • MELO, A. S. ; JUSTINO, F. ; LEMOS, C. F. ; SEDYAMA ; RIBEIRO G. A. . SUSCETIBILIDADE DO AMBIENTE A OCORRÊNCIAS DE QUEIMADAS SOB CONDIÇÕES CLIMÁTICAS ATUAIS E DE FUTURO AQUECIMENTO GLOBAL. Revista Brasileira de Meteorologia (Impresso) , v. 26, p. 401-418, 2011.

  • COSTA ; JUSTINO, F. ; SEDYAMA ; FERREIRA ; LEMOS, C. F. . Potential forcing of CO2, technology and climate changes in maize (Zea mays) and beans (Phaseolus vulgaris) yields in the southern part of Brazil.. Environmental Research Letters , v. 4, p. 014013-014023, 2009.

  • JUSTINO, F. ; SOUZA, E. P. ; DIAS P. L. ; AMORIM ; LEMOS, C. F. . INFLUENCE OF BOUNDARY CONDITIONS ON THE SOUTHERN HEMISPHERE ATMOSPHERIC CIRCULATION DURING THE LAST GLACIAL MAXIMUM. Revista Brasileira de Meteorologia (Impresso) , v. 23, p. 490-500, 2008.

  • LEMOS, C. F. ; MADDOCK, J. E. L. . Análisis de los Sistemas frontales que afectaron a la Comunidad Autónoma de Castilla y León en la Meseta Norte de España durante período 1983 ? 2003.. Notas de Población , v. 01, p. 09-21, 2005.

  • LEMOS, C. F. ; ALVES, L. M. . Reanálisis de las Líneas de Corriente en 1000, 850, 500 y 150 hPa sobre el Atlántico Norte y la Península Ibérica.. Notas de Población , v. 01, p. 24-36, 2005.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL VOLUME: 15; No 1. Climanalise (São José dos Campos) , v. 15, p. 23-33, 2000.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 15; No 2. Climanálise (São José dos Campos) , v. 15, p. 23-33, 2000.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 15; No 3. Climanálise (São José dos Campos) , v. 15, p. 23-33, 2000.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 15; No 5. Climanálise (São José dos Campos) , v. 15, p. 23-33, 2000.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 15; No 6. Climanálise (São José dos Campos) , v. 15, p. 23-33, 2000.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 15; No 7. Climanálise (São José dos Campos) , v. 15, p. 23-33, 2000.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 15; No 8. Climanálise (São José dos Campos) , v. 15, p. 23-33, 2000.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 15; No 9. Climanálise (São José dos Campos) , v. 15, p. 23-33, 2000.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 15; No 10. Climanalise (São José dos Campos) , v. 15, p. 23-33, 2000.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 15; No 11. Climanálise (São José dos Campos) , v. 15, p. 23-33, 2000.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 15; No 12. Climanálise (São José dos Campos) , v. 15, p. 25-35, 2000.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. ; A.M.P., A. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 15; No 4. Climanálise (São José dos Campos) , v. 15, p. 23-33, 2000.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 14; No 1. Climanalise (São José dos Campos) , v. 14, p. 25-34, 1999.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 14; No 2. Climanalise (São José dos Campos) , v. 14, p. 25-30, 1999.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 14; No 3. Climanalise (São José dos Campos) , v. 14, p. 22-32, 1999.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 14; No 4. Climanálise (São José dos Campos) , v. 14, p. 23-30, 1999.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 14; No 5. Climanálise (São José dos Campos) , v. 14, p. 22-31, 1999.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 14; No 6. Climanálise (São José dos Campos) , v. 14, p. 21-31, 1999.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 14; No 7. Climanalise (São José dos Campos) , v. 14, p. 20-30, 1999.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 14; No 8. Climanalise (São José dos Campos) , v. 14, p. 23-31, 1999.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 14; No 9. Climanalise (São José dos Campos) , v. 14, p. 22-32, 1999.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 14; No 10. Climanalise (São José dos Campos) , v. 14, p. 21-30, 1999.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 14; No 11. Climanalise (São José dos Campos) , v. 14, p. 20-29, 1999.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 14; No 12. Climanalise (São José dos Campos) , v. 14, p. 21-32, 1999.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 13; No 1. Climanalise (São José dos Campos) , v. 13, p. 23-32, 1998.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 13; No 2. Climanalise (São José dos Campos) , v. 13, p. 24-34, 1998.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 13; No 3. Climanalise (São José dos Campos) , v. 13, p. 25-35, 1998.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 13; No 4. Climanalise (São José dos Campos) , v. 13, p. 23-33, 1998.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 13; No 5. Climanalise (São José dos Campos) , v. 13, p. 23-34, 1998.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 13; No 6. Climanalise (São José dos Campos) , v. 13, p. 24-35, 1998.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 13; No 7. Climanalise (São José dos Campos) , v. 13, p. 24-34, 1998.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 13; No 8. Climanalise (São José dos Campos) , v. 13, p. 25-35, 1998.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 13; No 9. Climanalise (São José dos Campos) , v. 13, p. 24-34, 1998.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 13; No 10. Climanalise (São José dos Campos) , v. 13, p. 25-35, 1998.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 13; No 11. Climanalise (São José dos Campos) , v. 13, p. 25-35, 1998.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 13; No 12. Climanalise (São José dos Campos) , v. 13, p. 26-36, 1998.

  • LEMOS, C. F. . CLIMANÁLISE - EDIÇÃO ESPECIAL DE 10 ANOS. Climanálise (São José dos Campos) , v. 96a00, p. 01, 1997.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 12; No 4. Climanalise (São José dos Campos) , v. 12, p. 24-34, 1997.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 12; No 1. Climanalise (São José dos Campos) , v. 12, p. 23-31, 1997.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 12; No 2. Climanalise (São José dos Campos) , v. 12, p. 31-41, 1997.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 12; No 3. Climanalise (São José dos Campos) , v. 12, p. 31-41, 1997.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 12; No 5. Climanalise (São José dos Campos) , v. 12, p. 24-34, 1997.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 12; No 6. Climanalise (São José dos Campos) , v. 12, p. 23-34, 1997.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 12; No 7. Climanalise (São José dos Campos) , v. 17, p. 23-33, 1997.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 12; No 8. Climanalise (São José dos Campos) , v. 12, p. 23-34, 1997.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 12; No 9. Climanalise (São José dos Campos) , v. 12, p. 23-35, 1997.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 12; No 10. Climanalise (São José dos Campos) , v. 12, p. 23-35, 1997.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 12; No 11. Climanalise (São José dos Campos) , v. 12, p. 24-35, 1997.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 12; No 12. Climanalise (São José dos Campos) , v. 12, p. 25-35, 1997.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 11; No 1. Climanalise (São José dos Campos) , v. 11, p. 23-31, 1996.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 11; No 2. Climanalise (São José dos Campos) , v. 11, p. 25-36, 1996.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 11; No 3. Climanalise (São José dos Campos) , v. 11, p. 26-37, 1996.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 11; No 4. Climanalise (São José dos Campos) , v. 11, p. 27-37, 1996.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 11; No 5. Climanalise (São José dos Campos) , v. 11, p. 26-36, 1996.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 11; No 7. Climanalise (São José dos Campos) , v. 11, p. 26-37, 1996.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 11; No 6. Climanalise (São José dos Campos) , v. 11, p. 23-35, 1996.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 11; No 8. Climanalise (São José dos Campos) , v. 11, p. 22-31, 1996.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 11; No 9. Climanalise (São José dos Campos) , v. 11, p. 25-35, 1996.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 11; No 10. Climanalise (São José dos Campos) , v. 11, p. 22-34, 1996.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 11; No 11. Climanalise (São José dos Campos) , v. 11, p. 24-31, 1996.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 11; No 12. Climanalise (São José dos Campos) , v. 11, p. 24-34, 1996.

  • LEMOS, C. F. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 10; No 1. Caminhos de Geografia (UFU) , v. 10, p. 25-35, 1995.

  • LEMOS, C. F. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 10; No 2. Climanalise (São José dos Campos) , v. 10, p. 24-37, 1995.

  • LEMOS, C. F. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 10; No 3. Climanálise (São José dos Campos) , v. 10, p. 22-31, 1995.

  • LEMOS, C. F. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 10; No 4. Climanálise (São José dos Campos) , v. 10, p. 22-35, 1995.

  • LEMOS, C. F. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 10; No 5. Climanalise (São José dos Campos) , v. 10, p. 24-36, 1995.

  • LEMOS, C. F. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 10; No 6. Climanalise (São José dos Campos) , v. 10, p. 22-36, 1995.

  • LEMOS, C. F. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 10; No 7. Climanalise (São José dos Campos) , v. 10, p. 25-36, 1995.

  • LEMOS, C. F. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 10; No 8. Climanalise (São José dos Campos) , v. 10, p. 30-39, 1995.

  • LEMOS, C. F. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 10; No 10. Climanalise (São José dos Campos) , v. 10, p. 24-34, 1995.

  • LEMOS, C. F. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 10; No 11. Climanalise (São José dos Campos) , v. 10, p. 23-34, 1995.

  • LEMOS, C. F. . CLIMANÁLISE - ASPECTOS CLIMÁTICOS E SINÓTICOS NO BRASIL. VOLUME: 10; No 12. Climanalise (São José dos Campos) , v. 10, p. 25-34, 1995.

  • LEMOS, C. F. ; MADDOCK, J. E. L. (Org.) ; ALVES, L. M. (Org.) . Nota Técnica CMT en Castilla y León No 1 MADRI. 1. ed. MADRI: MINISTERIO DE MEDIO AMBIENTE - ESPANHA, 2005. v. 1. 36p .

  • LEMOS, C. F. ; JUSTINO, F. ; MADDOCK, J. E. L. ; RODRIGUES, R. A. . CLIMATOLOGIA DO INDICE DE HAINES PARA O BRASIL, DERIVADO DO CAMPO DA REANÁLISE DO NCEP/NCAR. In: BRUNO TEIXEIRA RIBEIRO E BEN WENDLING. (Org.). SOLOS NOS BIOMAS BRASILEIROS; SUSTENTABILIDADE E MUDANÇAS CLIMÁTICAS. 1ed.UBERLÁNDIA: EDITORA DA UNIVERSIDSDE FEDERAL DE UBERLÂNDIA, 2014, v. 1, p. 31-48.

  • COSTA ; JUSTINO, F. ; OLIVEIRA ; SEDYAMA ; FERREIRA ; LEMOS, C. F. . FUTURE IMPACT OF CO2, THECNOLOGY AND CLIMATE CHANGES ON BEANS AND MAIZE PRODUCTIVITY IN THE SOUTHERN PART OF BRAZIL. In: ALEXANDRE BRAGANÇA COELHO. (Org.). RECURSOS NATURAIS E CRESCIMENTO ECONÔMICO. 1ed.VIÇOSA: SUPREMA GRÁFICA E EDITORA, 2008, v. 1, p. 1-598.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . Sistemas Frontais que Atuaram no Brasil de 1987 a 1995.. In: MCT/INPE/CPTEC, 1996,: editora INPE. (Org.). CLIMANÁLISE ESPECIAL 10 ANOS. Cachoeira Paulista. S. J.C: Editora INPE, 1996, v. I, p. -.

  • CALBETE, N. O. ; ROZANTE, J. R. ; LEMOS, C. F. . Precipitações Intensas Ocorridas no Período de 1986 a 1996 no Brasil.. In: MCT/INPE/CPTEC, 1996. (Org.). CLIMANÁLISE ESPECIAL 10 ANOS. Cachoeira Paulista. S.J.C: Editora INPE, 1996, v. I, p. -.

  • LEMOS, C. F. . HOMENAGIADOS E DEPOIMENTOS. JORNAL DA UFV, VIÇOSA, p. 2 - 2, 18 maio 2013.

  • LEMOS, C. F. . DOS PROFESSORES HOMENAGIADOS AOS FORMANDOS. JORNAL DA UFV - NÚMERO ESPECIAL, VIÇOSA - MINAS GERAIS, p. 2 - 2, 04 fev. 2012.

  • LEMOS, C. F. ; JUSTINO, F. . O FENOMENO DE LA NIÑA CONTINUARÁ AFETANDO A REGIÃO SUDESTE DO BRASIL E EM MINAS GERAIS- DIA 08 DE FEVEREIRO DE 2011. JORNAL DIÁRIO DE CARATINGA, CARATINGA, p. 13, 08 fev. 2011.

  • LEMOS, C. F. . Feriado Prolongado. Jornal Vale Paraibano, Jornal Vale Paraibano, 10 out. 2001.

  • LEMOS, C. F. . Chuvas são o dobro do mês inteiro em Campos do Jordão. Jornal Vale Paraibano, VALE DO PARAÍBA, 06 jan. 2000.

  • LEMOS, C. F. . Sol garante praia em todo o Feriadão. Jornal Vale Paraibano, 01 jan. 1999.

  • LEMOS, C. F. . Risco de queimadas deixa Dutra em alerta. Jornal Vale Paraibano, 17 jul. 1998.

  • LEMOS, C. F. . Temporada de Verão ? O Litoral norte recebe 210 mil turistas neste final de semana?. Jornal Vale Paraibano, 24 jan. 1998.

  • LEMOS, C. F. . Tempo: Natal será com sol e muito calor no litoral. Tempo: Natal será com sol e muito calor no litoral?, 23 dez. 1997.

  • LEMOS, C. F. . INPE registra queda de 31% no índice de umidade relativa do ar. Jornal Vale Paraibano, vale do Paraíba SP, 14 nov. 1997.

  • LEMOS, C. F. . INPE diz que frente passou. Folha de São Paulo, 03 jun. 1997.

  • LEMOS, C. F. . Sudeste deve ter mais chuvas. Folha de São Paulo, Caderno Cotidiano, 15 jan. 1997.

  • LEMOS, C. F. . Dona de casa morre atingida por raio. Jornal Vale Paraibano, VALE DO PARAÍBA - SP, p. 8, 03 abr. 1996.

  • LEMOS, C. F. . Região terá chuvas hoje. Região terá chuvas hoje, Caderno Cidades ? Folha Vale, p. 7, 20 out. 1995.

  • LEMOS, C. F. . Tragédia em Maresias. Jornal Vale Paraibano, VALE DO PARAÍBA.

  • LEMOS, C. F. . Acidente em Maresias - Dois dias antes da queda da aeronave, comunicado de Centro Meteorológico já alertava para o fenômeno. Jornal Vale Paraibano, VALE DO PARAÍBA.

  • COSTA ; JUSTINO, F. ; SEDYAMA ; OLIVEIRA ; LEMOS, C. F. . CLIMA - Estudo da UFV conclui que a partir de 2050, produção de milho e feijão pode cair mais de 30% sob o impacto das mudanças climáticas.. JORNAL ESTADO DE MINAS - AGROPECUÁRIO, BELO HORIZONTE -MG.

  • LEMOS, C. F. . PROFESSOR REPRESENTA A UFV NA 18o AGRONORDESTE. FOLHA DA MATA, ZONA DA MATA MINEIRA.

  • MELO, A. S. ; GOMES, V. ; LEMOS, C. F. ; JUSTINO, F. ; HASTENREITER ; RIBEIRO, A. . ESTIMATIVA DO SALDO DE RADIAÇÃO EM MODELAGEM NUMÉRICA PARA O ÚLTIMO MÁXIMO GLACIAL E PRESENTE. In: XV CBMET- CONGRESSO BRASILEIRO DE METEOROLOGIA, 2008, SÃO PAULO. XV CBMET- CONGRESSO BRASILEIRO DE METEOROLOGIA, 2008.

  • LEMOS, C. F. ; COSTA ; JUSTINO, F. ; MELO, A. S. . CORRELAÇÃO ENTRE O FENÔMENO DE LA NIÑA COM A DISTRIBUIÇÃO ESPACIAL DAS QUEIMADAS E DA ESTIAGEM NO ESTADO DE MINAS GERAIS. In: XV CBMET- CONGRESSO BRASILEIRO DE METEOROLOGIA, 2008, SÃO PAULO. XV CBMET- CONGRESSO BRASILEIRO DE METEOROLOGIA, 2008.

  • LEMOS, C. F. ; COSTA ; JUSTINO, F. ; MELO, A. S. . ESTUDO DA EVAPOTRANSPIRAÇÃO DURANTE O PERÍODO MAIS CRÍTICO DE SECA E QUEIMADAS, DERIVANDO SUA DISTRIBUIÇÃO E FREQÜÊNCIA PARA A REGIÃO DE VIÇOSA-MG PERÍODO: 01 a 30 DE SETEMBRO DE 2003. In: XV CBMET - CONGRESSO BRASILEIRO DE METEOROLOGIA, 2008, SÃO PAULO. XV CBMET - CONGRESSO BRASILEIRO DE METEOROLOGIA, 2008.

  • MELO, A. S. ; JUSTINO, F. ; LEMOS, C. F. . MODELLING ATMOSPHERIC SUSCEPTIBILITY TO WILDFIRE DEVELOPMENT UNDER PRESENT DAY AND GREENHOUSE WARMING CONDITIONS. In: Amazonia em Perspectiva, 2008, manaus. LBA-Amazonia em Perspectiva, 2008.

  • LEMOS, C. F. ; FISCH, G. . Análise Espacial dos Sistemas frontais que Atuaram Sobre a Região do Vale do Paraíba entre 1991 A 1998. In: XI Congresso Brasileiro de Meteorologia e II Simpósio Brasileiro de Climatologia, 2001, Rio de Janeiro. Análise Espacial dos Sistemas frontais que Atuaram Sobre a Região do Vale do Paraíba entre 1981 A 1998, 2001.

  • LEMOS, C. F. ; FISCH, G. . A influência das ?ZCAS? no índice pluviométrico sobre a Região do Vale do Paraíba ? SP. In: XII Congresso Brasileiro de Agrometeorologia e III Reunião Latino-Americana de Agrometeologia, 2001, Fortaleza. XII Congresso Brasileiro de Agrometeorologia e III Reunião Latino-Americana de Agrometeologia, 2001.

  • LEMOS, C. F. . Reanálise das Linhas de Corrente nos níveis de 1000 hPa, 850 hPa, 500 hPa e 150 hPa sobre a América do Sul no período entre 1979 A 1995 e a Análise Dinâmica Sobre a Região do Vale do Paraíba - SP.. In: XI Congresso Brasileiro de Meteorologia e II Simpósio Brasileiro de Climatologia, 2000, Rio de Janeiro. XI Congresso Brasileiro de Meteorologia e II Simpósio Brasileiro de Climatologia, 2000. v. I.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . Período de tempo em que os sistemas frontais atuaram no litoral do Brasil entre a cidade de Porto Alegre e Rio de Janeiro (Período de 1988 a 1993). In: X Congresso Brasileiro de Meteorologia e VII Congresso da Federação Latino-americana e Ibérica de Sociedade de Meteorologia, 1998, Brasília. X Congresso Brasileiro de Meteorologia e VII Congresso da Federação Latino-americana e Ibérica de Sociedade de Meteorologia, 1998.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. . Sistemas Frontais que Atuaram no Brasil de 1987 a 1995. In: CLIMANÁLISE ESPECIAL EDIÇÃO COMEMORATIVA DE 10 ANOS - MCT/INPE/CPTEC, 1996, Cchoeira Paulista. CLIMANÁLISE ESPECIAL EDIÇÃO COMEMORATIVA DE 10 ANOS - MCT/INPE/CPTEC. sâo José dos Campos: editora INPE, 1996. v. I.

  • LEMOS, C. F. ; CALBETE, N. O. ; ROZANTE, J. R. . Precipitações Intensas Ocorridas no Período de 1986 a 1996 no Brasil. In: CLIMANÁLISE ESPECIAL EDIÇÃO COMEMORATIVA DE 10 ANOS - MCT/INPE/CPTEC, 1996, CACHOEIRA PAULISTA. Precipitações Intensas Ocorridas no Período de 1986 a 1996 no Brasil. sâo José dos Campos: EDITORA INPE, 1996. v. I.

  • LEMOS, C. F. . Análise Espacial das Temperaturas Extremas na Cidade do Rio de Janeiro. In: XII Jornada Interna de Iniciação Científica do Instituto de Geociências - UFRJ ? CCMN/IGEO, 1990, Rio de Janeiro. Análise Espacial das Temperaturas Extremas na Cidade do Rio de Janeiro. Rio de Janeiro: editora da UFRJ, 1990. v. I.

  • LEMOS, C. F. . Levantamento de Dados Pluviométricos em Duas Situações Distintas. In: XII Jornada Interna de Iniciação Científica do Instituto de Geociências - UFRJ - CCMN/IGEO, 1990, RIO DE JANEIRO. XII Jornada Interna de Iniciação Científica do Instituto de Geociências - UFRJ ? CCMN/IGEO. RIO DE JANEIRO: editora UFRJ, 1990.

  • VIEIRA, J. A. ; LEMOS, C. F. . ESTIMATIVA DO ESTOQUE DE CARBONO PRESENTE NA BIOMASSA VEGETAL ÁRBOREA DO PARQUE MUNICIPAL AMÉRICO RENNÉ GIANNETTI - BH. In: SEMANA DO CONHECIMENTO DA FUNCAÇÃO DE PARQUES E JARDINS DE BH, 2019, BELO HORIZONTE. SEMANA DO CONHECIMENTO, 2019. v. 1. p. 1-1.

  • SODRE, M. S. ; LEMOS, C. F. . CENÁRIO DO GERENCIAMENTO DOS RESÍDUOS SÓLIDOS DE SAÚDE NO BRASIL. In: 8o FORUM INTERNACIONAL DE RESÍDUOS SÓLIDOS, 2017, CURITIBA. 8o FORUM INTERNACIONAL DE RESÍDUOS SÓLIDOS. CURITIBA, 2017. v. 1. p. 1.

  • LEMOS, C. F. ; METZKER, M. M. . IMPLANTAÇÃO DE TRILHAS ECOLÓGICAS PARA EDUCAÇÃO E PRESERVAÇÃO AMBIENTAL DENTRO DE ÁREAS DE MATA ATLÂNTICA. In: XIII CONGRESSO NACIONAL DE MEIO AMBIENTE, 2016, poços de caldas. IMPLANTAÇÃO DE TRILHAS ECOLÓGICAS PARA EDUCAÇÃO E PRESERVAÇÃO AMBIENTAL DENTRO DE ÁREAS DE MATA ATLÂNTICA, 2016. v. 1. p. 1-1.

  • LEMOS, C. F. ; MAIA, M. P. V. ; BERGER, M. P. . CÁLCULO DO ESTOQUE DE CARBONO EM UMA PLANTAÇÃO DE EUCALIPTO (Corymbia Citriodora) COM 27 ANOS. In: XIII CONGRESSO NACIONAL DE MEIO AMBIENTE, 2016, POÇOS DE CALDAS. XIII CONGRESSO NACIONAL DE MEIO AMBIENTE, 2016. v. 1. p. 1-1.

  • LEMOS, C. F. ; MIRANDA, A. S. ; OLIVEIRA, R. H. . CÁLCULO DO DIÓXIDO DE CARBONO EQUIVALENTE (CO2e) DAS ATIVIDADES ANTROPOGÊNICAS NA UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA ? FLORESTAL: ANO- BASE DE 2011. In: XIII CONGRESSO NACIONAL DE MEIO AMBIENTE, 2015, POÇOS DE CALDAS. Anais Congresso Nacional de Meio Ambiente de Poços de Caldas. V.7, N.1 2015. POÇOS DE CALDAS: http://www.meioambientepocos.com.br/. v. 7. p. 111-111.

  • LEMOS, C. F. ; LIMA, F. M. B. ; FIDELIS, A. S. . ANÁLISE DA QUALIDADE DA ILUMINÂNCIA EM SALAS DE AULA E AMBIENTES DE TRABALHO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA. In: XIII CONGRESSO NACIONAL DE MEIO AMBIENTE, 2015, POÇOS DE CALDAS. Anais Congresso Nacional de Meio Ambiente de Poços de Caldas. V.7, N.1 2015. POÇOS DE CALDAS: http://www.meioambientepocos.com.br/, 2015. v. 7. p. 112-112.

  • VASCONCELOS, K. B. ; LEMOS, C. F. . GERENCIAMENTO DOS RESÍDUOS DA CONSTRUÇÃO CIVIL EM BELO HORIZONTE - MG: COMPREENSÃO PARA A IMPLANTAÇÃO NO CANTEIRO DE OBRA. In: VIII Simpósio Brasileiro de Engenharia Ambiental, 2015, CURITIBA. VIII Simpósio Brasileiro de Engenharia Ambiental. CURITIBA: VIII Simpósio Brasileiro de Engenharia Ambiental, 2015. v. 1. p. 1.26.250.

  • PINTO, R. S. ; APOLINARIO, W. L. N. ; LEMOS, C. F. ; NUNES, D. S. . A IMPORTÂNCIA DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA A IMPLEMENTAÇÃO DA COLETA SELETIVA NO MUNICÍPIO DE TOCANTINS-MINAS GERAIS. In: V Congresso Brasileiro de Gestão Ambiental, 2014, Belo Horizonte. V Congresso Brasileiro de Gestão Ambiental, 2014.

  • PINTO, R. S. ; LEMOS, C. F. . CÁ?LCULO DOS TEORES DE CARBONO NO SOLO NA ZONA DE TRANSIÇÃO DO BIOMA DE MATA ATLÂNTICA COM O CERRADO BRASILEIRO. In: V Congresso Brasileiro de Gestão Ambiental, 2014, Belo Horizonte. V Congresso Brasileiro de Gestão Ambiental, 2014.

  • PINTO, R. S. ; LEMOS, C. F. ; Justino, F.B. . ANÁLISE DO MEGA-INCÊNDIO DE RORAIMA NO PERÍODO DEZEMBRO DE 1997 A MARÇO DE 1998. In: V Congresso Brasileiro de Gestão Ambiental, 2014, Belo Horizonte. V Congresso Brasileiro de Gestão Ambiental, 2014. v. 5. p. XI-046-XI-047.

  • PINTO, R. S. ; LEMOS, C. F. . DISTRIBUIÇÃO ESPACIAL DO ÍNDICE DE HAINES PARA O ESTADO DE MINAS GERAIS UTILIZANDO A ANÁLISE DA MÉDIA ATMOSFERA PERÍODO: 01 A 30 DE SETEMBRO DE 2003. In: V Congresso Brasileiro de Gestão Ambiental, 2014, Belop Horizonte. V Congresso Brasileiro de Gestão Ambiental, 2014.

  • LEMOS, C. F. ; MUNIZ, E. K. G. G. ; GODINHO, A. A. . ESTUDO DA VARIABILIDADE CLIMATOLÓGICA DA CIDADE DE FLORESTAL ? MG (1961-2002). In: XVIII CONGRESSO BRASILEIRO DE METEOROLOGIA, 2014, RECIFE - PE. XVIII CONGRESSO BRASILEIRO DE METEOROLOGIA, 2014. v. 1.

  • LEMOS, C. F. ; OLIVEIRA, F. M. ; DRESLER, M. ; MORAES, P. L. ; ALVES, R. O. . CÁLCULO DE CARBONO NA ZONA DE TRANSIÇÃO DO BIOMA DE MATA ATLÂNTICA COM O CERRADO BRASILEIRO. In: X CONGRESSO NACIONAL DE MEIO AMBIENTE, 2013, POÇOS DE CALDAS. X CONGRESSO NACIONAL DE MEIO AMBIENTE, 2013. v. 1. p. 1-1.

  • LEMOS, C. F. ; XISTO, V. S. ; FARIA, T. D. ; FREITAS, L. S. F. . CÁLCULO DE CARBONO ATRAVÉS DO MÉTODO EMPÍRICO DE AEROFOTOGRAMÉTRIA ALOMÉTRICA. In: X CONGRESSO NACIONAL DE MEIO AMBIENTE, 2013, POÇOS DE CALDAS. X CONGRESSO NACIONAL DE MEIO AMBIENTE, 2013. v. 1. p. 1-1.

  • LEMOS, C. F. ; PINTO, R. S. ; ROMERO, L. M. . ÍNDICE DE HAINES COMO INDICADOR DE PROPAGAÇÃO DE QUEIMADAS. In: I CONGRESSO INTERNACIONAL DE AGROPECUÁRIA SUSTENTÁVEL e IV SIMPÓSIO BRASILEIRO DE AGROPECUÁRIA SUSTENTÁVEL, 2012, PORTO ALEGRE. I CONGRESSO INTERNACIONAL DE AGROPECUÁRIA SUSTENTÁVEL e IV SIMPÓSIO BRASILEIRO DE AGROPECUÁRIA SUSTENTÁVEL. PORTO ALEGRE: PORTO ALEGRE, 2012. v. 1. p. 1-1.

  • JUSTINO, F. ; LEMOS, C. F. . MODELLING CURRENT AND GLOBAL WARMING-INDUCED FIRE RISK IN AFRICA. In: XVII Congresso Brasileiro de Agrometeorologia, 2011, GUARAPARI. XVII Congresso Brasileiro de Agrometeorologia, 2011. v. 1.

  • JUSTINO, F. ; LEMOS, C. F. ; ROSSONI H.A. ; MADDOCK, J. E. L. . ANÁLISE DO ÍNDICE DE HAINES PARA A REGIÃO AMAZÔNICA E PERIFERIAS UTILIZANDO O MODELO ? ETA? DURANTE O ANO DE 2004. In: XVII CONGRESSO BRASILEIRO DE AGROMETEOROLOGIA,, 2011, GUARAPARI. XVII CONGRESSO BRASILEIRO DE AGROMETEOROLOGIA,, 2011. v. 1.

  • LARA, L. G. ; LEMOS, C. F. . O POTENCIAL DO USO DE BICICLETRAS EM GOVERNOS LOCAIS COMO FORMA DE MITIGAÇÃO DAS EMISSÕES DE GASSES DE EFEITO ESTUFA(GEE) - ESTUDO DE CASO DO CENTRO ADMINISTRATIVO DA PREFEITURA DE BETIM. In: II SEMINÁRIO DOS ESTUDANTES DE PÓS-GRADUAÇÃO - II SEP, 2016, BAMBUÍ. II SEMINÁRIO DOS ESTUDANTES DE PÓS-GRADUAÇÃO - II SEP. BAMBUÍ, 2016. v. 1. p. 1-1.

  • LEMOS, C. F. . ANALISE DA PERCEPÇÃO DOS ALUNOS DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO DO INSTITUTO FEDERAL DE MINAS GERAIS (IFMG) - CAMPUS BAMBUÍ QUANTO AO DESCARTE DE LIXO ELETRÔNICO. In: II SEMINÁRIO DOS ALUNOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - II SEP, 2016, BAMBUÍ. II SEMINÁRIO DOS ALUNOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - II SEP. BAMBUI, 2016. v. 1. p. 1-1.

  • LEMOS, C. F. . ANÁLISE ERGONÔMICA DO PROCESSO DE ORDENHA MECÂNICA NO SETOR DE BOVINOCULTURA DE UM ISNTITUTO DE ENSINO SUPERIOR DO CENTRO-OESTE MINEIRO. In: II SEMINÁRIO DOS ALUNOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - II SEP, 2016, BAMBUÍ. II SEMINÁRIO DOS ALUNOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - II SEP. BAMBUÍ, 2016. v. 1. p. 1-1.

  • LEMOS, C. F. . SEGURANÇA NO TRABALHO NA COSNTRUÇÃO CIVIL: ANÁLISE DA INFLUÊNCIA DO USO INADEGUADO DE EPI´S NA OCORRÊNCIA DE ACIDENTES DE TRABALHO. In: II SEMINÁRIO DOS ALUNOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - II SEP, 2016, BAMBUÍ. II SEMINÁRIO DOS ALUNOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - II SEP. BAMBUÍ, 2016. v. 1. p. 1-1.

  • LARA, L. G. ; GOMES, N. F. ; LEMOS, C. F. . LEGISLAÇÃO E MEDIDAS TOMADAS DOS PAISES BRASIL, ALEMANHA E JAPÃO SOBRE MUDANÇAS CLIMÁTICAS. In: I SEMINÁRIO DE ESTUDANTES DE POS-GRADUAÇÃO(SEP) DA IFMG -BAMBUÍ, 2015, BAMBUÍ. I SEMINÁRIO DE ESTUDANTES DE POS-GRADUAÇÃO(SEP) DA IFMG -UIÍ, 2015. v. 1. p. 1-1.

  • COSTA, C. R. S. ; GOMES, N. F. ; LEMOS, C. F. . ESTUDO COMPARATIVO DA LEI 12.305/2010 COM AS LEIS DE RESÍDUOS DA REPUBLICA FEDERATIVA DA ALEMANHA E DOS ESTADOS UNIDOS DA AMERICA. In: I SEMINÁRIO DE ESTUDANTES DE POS-GRADUAÇÃO(SEP) DA IFMG -BAMBUÍ, 2015, BAMBUÍ. I SEMINÁRIO DE ESTUDANTES DE POS-GRADUAÇÃO(SEP) DA IFMG -BAMBUÍ, 2015. v. 1. p. 1-1.

  • LARA, L. G. ; GOMES, N. F. ; LEMOS, C. F. . A IMPORTÂNCIA DE INVENTÁRIOS DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA(GEE) EM GOVERNOS LOCAIS. In: I SEMINÁRIO DE ESTUDANTES DE POS-GRADUAÇÃO(SEP) DA IFMG -BAMBUÍ, 2015, BAMBUÍ. I SEMINÁRIO DE ESTUDANTES DE POS-GRADUAÇÃO(SEP) DA IFMG -BAMBUÍ, 2015. v. 1. p. 1-1.

  • AMORIN A.A. ; DA SILVA B.J. ; ABRAHÃO S. A. ; LEMOS, C. F. . SISTEMA DE INFORMAÇÃO GEOGRÁFICA PARA LEVANTAR O USO E OCUPAÇÃO DO SOLO NO CAMPUS DE FLORESTAL DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA. In: III SEMANA ACADÊMICA INTEGRADA E I SIMPÓSIO DE FORMAÇÃO INICIAL CONTINUADA, 2011, FLORESTAL - MG. III SEMANA ACADÊMICA INTEGRADA E I SIMPÓSIO DE FORMAÇÃO INICIAL CONTINUADA, 2011. v. 1.

  • VIEIRA E. M. ; SILVA D.P. ; JUSTINO, F. ; LEMOS, C. F. . O FENÔMENO DE LA NIÑA E SEUS EFEITOS SOBRE A ESTIAGEM E AS QUEIMADAS NO ESTADO DE MINAS GERAIS. In: III SEMANA ACADÊMICA INTEGRADA E I SIMPÓSIO DE FORMAÇÃO INICIAL CONTINUADA, 2011, FLORESTAL - MG. III SEMANA ACADÊMICA INTEGRADA E I SIMPÓSIO DE FORMAÇÃO INICIAL CONTINUADA, 2011. v. 1.

  • LEMOS, C. F. ; A.M.P., A. . Qualidade do Ar em Niterói - Município do Rio de Janeiro. In: Seminário de Ciências Ambientais no Instituto de Biologia da UFRJ, CCS/IBIO, 1992, Rio de Janeiro. Seminário de Ciências Ambientais no Instituto de Biologia da UFRJ, CCS/IBIO. Rio de Janeiro: grafica da UFRJ, 1992. v. I. p. 018-018.

  • JUSTINO, F. ; AMORIM ; SOUZA, E. P. ; DIAS P. L. ; LEMOS, C. F. . INFLUENCE OF BOUNDARY CONDITIONS ON THE SOUTHERN HEMISPHERE ATMOSPHERIC CIRCULATION DURING THE LAST GLACIAL MAXIMUM. Revista Brasileira de Meteorologia , 2008.

  • LARA, L. G. ; ALENCAR, A. L. ; LEMOS, C. F. . O potencial do uso de bicicletas em governos locais como forma de mitigação das emissões de gases de efeito estufa (GEE) - Estudo de caso do Centro Administrativo da Prefeitura Municipal de Betim. Leonardo. 2016. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • LEMOS, C. F. . MUDANÇAS CLIMÁTICAS E A SEGURANÇA ALIMENTAR. 2015. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • LEMOS, C. F. . MUDANÇAS CLIMATICAS UM PANORAMA GERAL. 2015. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • LEMOS, C. F. . MUDANÇAS CLIMATICAS UM PANORAMA GERAL. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • LEMOS, C. F. . MUDANÇAS CLIMATICAS UM PANORAMA GERAL. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • LEMOS, C. F. . MUDANÇAS CLIMÁTICAS E A SEGURANÇA ALIMENTAR. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • LEMOS, C. F. . MUDANÇAS CLIMÁTICAS EO SEMI-ÁRIDO BRASILEIRO. 2013. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • LEMOS, C. F. . MUDANÇAS CLIMÁTICAS. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • LEMOS, C. F. . MUDANÇAS CLIMÁTICAS E A AGRICULTURA BRASILIEIRA. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • LEMOS, C. F. . APRESENTAÇÃO DO CORPO DOCENTE AOS CALOUROS DOS CURSOS SUPERIORES. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • LEMOS, C. F. . MUDANÇAS CLIMÁTICAS. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • LEMOS, C. F. . MUDANÇAS CLIMÁTICAS. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • LEMOS, C. F. . AVALIAÇÃO CLIMÁTICA DAS CHUVAS DE 2010 NO RIO DE JANEIRO. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • LEMOS, C. F. . AS MUDANÇAS CLIMÁTICAS. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • LEMOS, C. F. . IMPACTO DAS MUDANÇAS CLIMÁTICAS E COMO PODEMOS DAR NOSSA CONTRIBUIÇÃO COMO PROFISSIONAIS. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • LEMOS, C. F. . GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS SÓLIDOS. viçosa: Editora CEAD-UFV, 2013 (APOSTILA DO CURSO DE POS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO AMBIENTAL).

  • LEMOS, C. F. . EMISSÕES ATMOSFÉRICAS. viçosa: editora CEAD-UFV, 2013 (APOSTILA DO CURSO DE POS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO AMBIENTAL).

  • LEMOS, C. F. ; MADDOCK, J. E. L. . Reanálisis de las Líneas de Corriente en 1000, 850, 500 y 150 hPa sobre el Atlántico Norte y la Península Ibérica.. Madri: ministerio de medio ambiente, 2005 (periódico).

  • LEMOS, C. F. ; ALVES, L. M. . Análisis de los Sistemas frontales que afectaron a la Comunidad Autónoma de Castilla y León en la Meseta Norte de España durante período 1983 ? 2003.. madri: ministerio de medio ambiente, 2005 (periódico).

  • LEMOS, C. F. . CLIMANÁLISE - Boletim de Monitoramento e Análise Climática. SÂO JOSÉ DOS CAMPOS: INPE/CPTEC, 1995 (periódico).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

LEMOS, C. F. . DADOS DIÁRIOS DE S. J. DOS CAMPOS - SP DE PRECIPITAÇÃO ANOS 1996, 1997 E 1998 PARA SERVENG CIVILSAN S/A. 1998.

LEMOS, C. F. . FORNECIMENTO DE DADOS METEOROLÓGICOS DIÁRIOS ENTRE DEZ/97 A JAN/98 - MONSANTO DO BARSIL LTDA. 1998.

LEMOS, C. F. . RELATÓRIO TÉCNICO CLIMATOLÓGICO DO VALE DO PARAÍBA - SP PARA LG ELETRONICS DE SÃO PAULO. 1997.

LEMOS, C. F. . CONSULTORIA TÉCNICA CLIMATOLÓGICA, TEMPERATURAS MÉDIAS E UMIDADE RELATIVAS ( SUMARÉ -SP E MANAUS - AM). 1997.

LEMOS, C. F. . RELATÓRIO PARA SINISTRO INTERTRIM AUTOPEÇAS LTDA. 1997.

LEMOS, C. F. . RELATÓRIO METEOROLÓGICO PARA SINISTRO PARA LINEAR EQUIPAMENTOS ELETRÔNICOS. 1997.

LEMOS, C. F. . DADOS METEOROLÓGICOS DIÁRIOS PARA MONSANTO DO BRASIL LTDA. 1997.

LEMOS, C. F. . INDICE DA HAINES. 2004.

LEMOS, C. F. . RELATÓRIO METEOROLÓGICO PARA SINISTRO PREFEITURA MUNICIPAL DE POUSO ALEGRE - MG. 1998.

LEMOS, C. F. . RELATÓRIO TÉCNICO METEOROLÓGICO PARA SINISTRO PARA TRIMTEC AUTOPEÇAS LTDA. 1998.

LEMOS, C. F. . RELATÓRIO TÉCNICO METEOROLÓGICO PARA SINISTRO COOPERATIVA DE LATICÍNIOS DO ALTO PARAÍBA -SP. 1998.

LEMOS, C. F. . RELATÓRIO TÉCNICO METEOROLÓGICO PARA SINISTRO PARA CIRO DISTRIBUIDORA DE ALIMENTOS LTDA. 1998.

LEMOS, C. F. . DADOS DE NORMAIS CLIMATOLÓGICAS DA CIDADE DE S. J. DOS CAMPOS - MKR TECNOLOGIA , SERVIÇOS , INDUSTRIA E COMÉRCIO LTDA.. 1998.

LEMOS, C. F. . RELATÓRIO PARA SINISTRO VÁLVULAS SCHRADER DO BRASIL - S/A. 1998.

LEMOS, C. F. . FORNECIMENTO DE DADOS METEOROLÓGICOS DIÁRIOS ARCHER DE CAMARGO CONSTRUÇAO E PLANEJAMENTO LTDA. 1998.

LEMOS, C. F. . RELATÓRIO TÉCNICO PARA SINISTRO GM DO BRASIL. 1997.

LEMOS, C. F. . RELATÓRIO TÉCNICO METEOROLÓGICO PARA SINISTRO PARA TECTELCON - TÉCNICA EM COMUNICAÇÃO LTDA. 1997.

LEMOS, C. F. . Curso de Gestão Ambiental da UFOPA inicia primeira turma específica em 2017 Universidade Federal do Oeste do Pará. 2017. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

LEMOS, C. F. ; EDWAR, J. . MUNDANÇAS CLIMÁTICAS NO SEMI-ÁRIDO MINEIRO. 2013. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

LEMOS, C. F. . Curso de Gestão Ambiental da UFOPA inicia primeira turma específica em 2017. 2017; Tema: Curso de Gestão Ambiental da UFOPA inicia primeira turma específica em 2017: Universidade Federal do Oeste do Pará. (Site).

LEMOS, C. F. . UM CLICK - Flipboard: Your Social News Magazine. 2014; Tema: TEMAS VARIADOS E FLIPADOS. (Rede social).

LEMOS, C. F. . EMISSÕES ATMOSFÉRICAS. 2014. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - vídeo educacional).

LEMOS, C. F. . GESTÃO DE ASPECTOS E IMPACTOS AMBIENTAIS-RESÍSUOD SÓLIDOS E SUBPRODUTOS. 2014. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - vídeo educacional).

LEMOS, C. F. . EMISSÕES ATMOSFÉRICAS. 2013. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - APOSTILA DE EMISSÕES ATMOSFÉRICAS).

LEMOS, C. F. . GESTÃO DE ASPECTOS E IMPACTOS AMBIENTAIS - RESÍDUOS SÓLIDOS E SUBPRODUTOS. 2013. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - APOSTILA DE RESÍDUOS SÓLIDOS E SUBPRODUTOS).

LEMOS, C. F. ; GOMES J. J. . GLOSSÁRIO DE MEIO AMBIENTE - AS PALAVRAS MAIS USADAS EM ESTUDOS AMBIENTAIS. 2012. (Editoração/Livro).

LEMOS, C. F. ; OLIVEIRA, J.F. ; ROCHA, W.R. ; AMARAL, N.A. . O BALANÇO DE CARBONO NA PRODUÇÃO DE CANA-DE-AÇUCAR - Etanol X Carbono = Ouro Verde. 2011. (Editoração/Livro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2015 - Atual

    DADOS DO PROJETO: EVOLUÇÃO TEMPORAL DE PRECIPITAÇÃO NAS REGIÕES SERRANAS DOS ESTADOS DO RIO DE JANEIRO E SANTA CATARINA: PERSPECTIVAS EM DESASTRES NATURAIS E NA PRODUTIVIDADE AGRÍCOLA, Descrição: Evolução temporal de precipitação nas regiões serranas dos estados do Rio de Janeiro e Santa Catarina: perspectivas em desastres naturais e na produtividade agrícola. Avaliar a evolução temporal dos índices extremos de precipitação (DCS, DCU, Rx1day, Rx5day, R50mm, R95p) das regiões serranas do Rio de Janeiro e Santa Catarina e seus impactos nos desastres naturais e na produtividade agrícola, usando a ferramenta climática Rclimdex.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Carlos Fernando Lemos - Integrante / MARCELO CID AMORIM - Integrante / Flávio Barbosa Justino - Coordenador / Alvaro Javier Avila Diaz - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais - Bolsa.

  • 2015 - Atual

    Usina de Recebimento e Valorização de Resíduos da Construção Civil, Descrição: Este projeto visa o desenvolvimento de um modelo piloto de recebimento e valorização dos diversos resíduos gerados pela construção civil. Para Isto pretende seguir as seguintes etapas na metodologia: 1.Possibilidade de valorização dos resíduos gerados por pequenos geradores- com caracterização do pequeno gerador através de entrevista, segregação e caracterização do resíduos. 2. Caracterizar as diversas áreas receptoras dos resíduos da construção civil, realizando estudo de caso para propor um processo e uma piloto de usina de reciclagem da construção civil. 3. Estudo do mercado consumidor dos resíduos da construção civil Estudo das formas de uso dos resíduos da construção civil após beneficiamento/reciclagem através da revisão bibliográficas e visita as diferentes empresas. O levantamento dos possíveis consumidores dos resíduos da construção civil após beneficiamento/reciclagem será feito através de entrevista com empresas produtoras de material e serviço para construção civil. Espera-se gerar um processo de recebimento e tratamento dos resíduos e uma planta piloto de usina de reciclagem que irá ter impactos econômicos, sociais e ambientais.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Carlos Fernando Lemos - Integrante / CRISTIANE FERREIRA PIMENTA - Integrante / Bianca Louise de Abreu - Integrante / Wellington Luiz Rezende Glória - Integrante / NEIMAR DE FREITAS DUARTE - Coordenador.

  • 2007 - 2009

    Avaliação do Risco de Queimadas em Duas Condições Climáticas Distintas: Último Maximo e Aquecimento Global Descrição: Avaliação do Risco de Queimadas em Duas Condições Climáticas Distintas: Último Maximo e Aquecimento Global., Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) Doutorado: (1) . , Integrantes: Carlos Fernando Lemos - Integrante / FLAVIO JUSTINO - Coordenador / ANAILTON SALES DE MELO - Integrante.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de desenvolvimento

  • 2007 - Atual

    CENTRO INTEGRADO DE MONITORAMENTO DE SECA DO ESTADO DE MINAS GERAIS- CIMOS, Descrição: CENTRO INTEGRADO DE MONITORAMENTO DE SECA DO ESTADO DE MINAS GERAIS- CIMOS, VISA MONITORAR E ACOMPANHAR A SECA EM TODO O ESTADO DE MINAS GERAIS - http://www.cedaf.ufv.br/cimos/ Na gestão de recursos hídricos em regiões semi-áridas do Estado de Minas Gerais é de capital importância dispor-se de instrumental prático de auxílio à tomada de decisões, notadamente nos períodos de secas. Desenvolveu-se, então, um sistema de suporte à decisão para o monitoramento de secas no estado de Minas Gerais CIMOS Centro Integrado de Monitoramento de Secas com base em índices meteorológicos. Utilizando o Método de Decis e incorporados a um sistema de acompanhamento das características básicas dos períodos de seca, quais sejam, duração, severidade e intensidade, de modo que diferenciadas ações mitigadoras pudessem ser de fato implementadas, de acordo com os valores atingidos por esses parâmetros. No monitoramento da precipitação os seguintes índices meteorológicos foram empregados através de sites de previsão climática e de tempo, uma vantagem prática no uso desses índices é o acompanhamento quase simultâneo (diário, semanal ou mensal, dependendo da disponibilidade dos dados) do grau de severidade e duração dos períodos secos, permitindo, com isso, tomar medidas efetiva se em tempo hábil, objetivando minorar os impactos ocasionados por uma seca. . , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Carlos Fernando Lemos - Coordenador / LUIS CLÁUDIO COSTA - Integrante.

  • 2004 - 2004

    COMUNICAÇÃO NACIONAL INICIAL DO BRASIL À CONVENÇÃO-QUADRO DAS NAÇÕES UNIDAS SOBRE MUDANÇA DO CLIMA, Descrição: A apresentação da Comunicação Nacional do Brasil é um passo institucional decisivo do governo Luiz Inácio Lula da Silva para honrar o compromisso do País na Convenção- Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima. Além de manter o espírito do País em ser um participante ativo nas questões relativas ao tema, o texto contribui para o melhor entendimento do problema global e do avanço da ciência na mudança do clima. O presente documento é importante para a divulgação do tema de mudanças climáticas, bem como para a educação e a conscientização da sociedade sobre os impactos adversos futuros do aquecimento global, ao mesmo tempo que induz novas oportunidades de desenvolvimento de tecnologias mais limpas e propicia o progresso da ciência. Certamente, assuntos afeitos à mudança do clima terão relevante papel na agenda nacional e internacional no futuro. Eduardo Campos Ministro de Estado da Ciência e Tecnologia Brasília, novembro de 2004. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Carlos Fernando Lemos - Coordenador.

  • 2007 - Atual

    CENTRO INTEGRADO DE MONITORAMENTO DE SECA DO ESTADO DE MINAS GERAIS- CIMOS, Descrição: CENTRO INTEGRADO DE MONITORAMENTO DE SECA DO ESTADO DE MINAS GERAIS- CIMOS, VISA MONITORAR E ACOMPANHAR A SECA EM TODO O ESTADO DE MINAS GERAIS - http://www.cedaf.ufv.br/cimos/ Na gestão de recursos hídricos em regiões semi-áridas do Estado de Minas Gerais é de capital importância dispor-se de instrumental prático de auxílio à tomada de decisões, notadamente nos períodos de secas. Desenvolveu-se, então, um sistema de suporte à decisão para o monitoramento de secas no estado de Minas Gerais CIMOS Centro Integrado de Monitoramento de Secas com base em índices meteorológicos. Utilizando o Método de Decis e incorporados a um sistema de acompanhamento das características básicas dos períodos de seca, quais sejam, duração, severidade e intensidade, de modo que diferenciadas ações mitigadoras pudessem ser de fato implementadas, de acordo com os valores atingidos por esses parâmetros. No monitoramento da precipitação os seguintes índices meteorológicos foram empregados através de sites de previsão climática e de tempo, uma vantagem prática no uso desses índices é o acompanhamento quase simultâneo (diário, semanal ou mensal, dependendo da disponibilidade dos dados) do grau de severidade e duração dos períodos secos, permitindo, com isso, tomar medidas efetiva se em tempo hábil, objetivando minorar os impactos ocasionados por uma seca. . , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Carlos Fernando Lemos - Coordenador / LUIS CLÁUDIO COSTA - Integrante.

  • 2004 - 2004

    COMUNICAÇÃO NACIONAL INICIAL DO BRASIL À CONVENÇÃO-QUADRO DAS NAÇÕES UNIDAS SOBRE MUDANÇA DO CLIMA, Descrição: A apresentação da Comunicação Nacional do Brasil é um passo institucional decisivo do governo Luiz Inácio Lula da Silva para honrar o compromisso do País na Convenção- Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima. Além de manter o espírito do País em ser um participante ativo nas questões relativas ao tema, o texto contribui para o melhor entendimento do problema global e do avanço da ciência na mudança do clima. O presente documento é importante para a divulgação do tema de mudanças climáticas, bem como para a educação e a conscientização da sociedade sobre os impactos adversos futuros do aquecimento global, ao mesmo tempo que induz novas oportunidades de desenvolvimento de tecnologias mais limpas e propicia o progresso da ciência. Certamente, assuntos afeitos à mudança do clima terão relevante papel na agenda nacional e internacional no futuro. Eduardo Campos Ministro de Estado da Ciência e Tecnologia Brasília, novembro de 2004. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Carlos Fernando Lemos - Coordenador.

  • 2007 - Atual

    CENTRO INTEGRADO DE MONITORAMENTO DE SECA DO ESTADO DE MINAS GERAIS- CIMOS, Descrição: CENTRO INTEGRADO DE MONITORAMENTO DE SECA DO ESTADO DE MINAS GERAIS- CIMOS, VISA MONITORAR E ACOMPANHAR A SECA EM TODO O ESTADO DE MINAS GERAIS - http://www.cedaf.ufv.br/cimos/ Na gestão de recursos hídricos em regiões semi-áridas do Estado de Minas Gerais é de capital importância dispor-se de instrumental prático de auxílio à tomada de decisões, notadamente nos períodos de secas. Desenvolveu-se, então, um sistema de suporte à decisão para o monitoramento de secas no estado de Minas Gerais CIMOS Centro Integrado de Monitoramento de Secas com base em índices meteorológicos. Utilizando o Método de Decis e incorporados a um sistema de acompanhamento das características básicas dos períodos de seca, quais sejam, duração, severidade e intensidade, de modo que diferenciadas ações mitigadoras pudessem ser de fato implementadas, de acordo com os valores atingidos por esses parâmetros. No monitoramento da precipitação os seguintes índices meteorológicos foram empregados através de sites de previsão climática e de tempo, uma vantagem prática no uso desses índices é o acompanhamento quase simultâneo (diário, semanal ou mensal, dependendo da disponibilidade dos dados) do grau de severidade e duração dos períodos secos, permitindo, com isso, tomar medidas efetiva se em tempo hábil, objetivando minorar os impactos ocasionados por uma seca. . , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Carlos Fernando Lemos - Coordenador / LUIS CLÁUDIO COSTA - Integrante.

  • 2004 - 2004

    COMUNICAÇÃO NACIONAL INICIAL DO BRASIL À CONVENÇÃO-QUADRO DAS NAÇÕES UNIDAS SOBRE MUDANÇA DO CLIMA, Descrição: A apresentação da Comunicação Nacional do Brasil é um passo institucional decisivo do governo Luiz Inácio Lula da Silva para honrar o compromisso do País na Convenção- Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima. Além de manter o espírito do País em ser um participante ativo nas questões relativas ao tema, o texto contribui para o melhor entendimento do problema global e do avanço da ciência na mudança do clima. O presente documento é importante para a divulgação do tema de mudanças climáticas, bem como para a educação e a conscientização da sociedade sobre os impactos adversos futuros do aquecimento global, ao mesmo tempo que induz novas oportunidades de desenvolvimento de tecnologias mais limpas e propicia o progresso da ciência. Certamente, assuntos afeitos à mudança do clima terão relevante papel na agenda nacional e internacional no futuro. Eduardo Campos Ministro de Estado da Ciência e Tecnologia Brasília, novembro de 2004. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Carlos Fernando Lemos - Coordenador.

  • 2007 - Atual

    CENTRO INTEGRADO DE MONITORAMENTO DE SECA DO ESTADO DE MINAS GERAIS- CIMOS, Descrição: CENTRO INTEGRADO DE MONITORAMENTO DE SECA DO ESTADO DE MINAS GERAIS- CIMOS, VISA MONITORAR E ACOMPANHAR A SECA EM TODO O ESTADO DE MINAS GERAIS - http://www.cedaf.ufv.br/cimos/ Na gestão de recursos hídricos em regiões semi-áridas do Estado de Minas Gerais é de capital importância dispor-se de instrumental prático de auxílio à tomada de decisões, notadamente nos períodos de secas. Desenvolveu-se, então, um sistema de suporte à decisão para o monitoramento de secas no estado de Minas Gerais ? CIMOS ? Centro Integrado de Monitoramento de Secas com base em índices meteorológicos. Utilizando o Método de Decis e incorporados a um sistema de acompanhamento das características básicas dos períodos de seca, quais sejam, duração, severidade e intensidade, de modo que diferenciadas ações mitigadoras pudessem ser de fato implementadas, de acordo com os valores atingidos por esses parâmetros. No monitoramento da precipitação os seguintes índices meteorológicos foram empregados através de sites de previsão climática e de tempo, uma vantagem prática no uso desses índices é o acompanhamento quase simultâneo (diário, semanal ou mensal, dependendo da disponibilidade dos dados) do grau de severidade e duração dos períodos secos, permitindo, com isso, tomar medidas efetiva se em tempo hábil, objetivando minorar os impactos ocasionados por uma seca.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Carlos Fernando Lemos - Coordenador / LUIS CLÁUDIO COSTA - Integrante.

  • 2004 - 2004

    COMUNICAÇÃO NACIONAL INICIAL DO BRASIL À CONVENÇÃO-QUADRO DAS NAÇÕES UNIDAS SOBRE MUDANÇA DO CLIMA, Descrição: A apresentação da Comunicação Nacional do Brasil é um passo institucional decisivo do governo Luiz Inácio Lula da Silva para honrar o compromisso do País na Convenção- Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima. Além de manter o espírito do País em ser um participante ativo nas questões relativas ao tema, o texto contribui para o melhor entendimento do problema global e do avanço da ciência na mudança do clima. O presente documento é importante para a divulgação do tema de mudanças climáticas, bem como para a educação e a conscientização da sociedade sobre os impactos adversos futuros do aquecimento global, ao mesmo tempo que induz novas oportunidades de desenvolvimento de tecnologias mais limpas e propicia o progresso da ciência. Certamente, assuntos afeitos à mudança do clima terão relevante papel na agenda nacional e internacional no futuro. Eduardo Campos Ministro de Estado da Ciência e Tecnologia Brasília, novembro de 2004. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Carlos Fernando Lemos - Coordenador.

  • 2007 - Atual

    CENTRO INTEGRADO DE MONITORAMENTO DE SECA DO ESTADO DE MINAS GERAIS- CIMOS, Descrição: CENTRO INTEGRADO DE MONITORAMENTO DE SECA DO ESTADO DE MINAS GERAIS- CIMOS, VISA MONITORAR E ACOMPANHAR A SECA EM TODO O ESTADO DE MINAS GERAIS - http://www.cedaf.ufv.br/cimos/ Na gestão de recursos hídricos em regiões semi-áridas do Estado de Minas Gerais é de capital importância dispor-se de instrumental prático de auxílio à tomada de decisões, notadamente nos períodos de secas. Desenvolveu-se, então, um sistema de suporte à decisão para o monitoramento de secas no estado de Minas Gerais ? CIMOS ? Centro Integrado de Monitoramento de Secas com base em índices meteorológicos. Utilizando o Método de Decis e incorporados a um sistema de acompanhamento das características básicas dos períodos de seca, quais sejam, duração, severidade e intensidade, de modo que diferenciadas ações mitigadoras pudessem ser de fato implementadas, de acordo com os valores atingidos por esses parâmetros. No monitoramento da precipitação os seguintes índices meteorológicos foram empregados através de sites de previsão climática e de tempo, uma vantagem prática no uso desses índices é o acompanhamento quase simultâneo (diário, semanal ou mensal, dependendo da disponibilidade dos dados) do grau de severidade e duração dos períodos secos, permitindo, com isso, tomar medidas efetiva se em tempo hábil, objetivando minorar os impactos ocasionados por uma seca.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Carlos Fernando Lemos - Coordenador / LUIS CLÁUDIO COSTA - Integrante.

  • 2004 - 2004

    COMUNICAÇÃO NACIONAL INICIAL DO BRASIL À CONVENÇÃO-QUADRO DAS NAÇÕES UNIDAS SOBRE MUDANÇA DO CLIMA, Descrição: A apresentação da Comunicação Nacional do Brasil é um passo institucional decisivo do governo Luiz Inácio Lula da Silva para honrar o compromisso do País na Convenção- Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima. Além de manter o espírito do País em ser um participante ativo nas questões relativas ao tema, o texto contribui para o melhor entendimento do problema global e do avanço da ciência na mudança do clima. O presente documento é importante para a divulgação do tema de mudanças climáticas, bem como para a educação e a conscientização da sociedade sobre os impactos adversos futuros do aquecimento global, ao mesmo tempo que induz novas oportunidades de desenvolvimento de tecnologias mais limpas e propicia o progresso da ciência. Certamente, assuntos afeitos à mudança do clima terão relevante papel na agenda nacional e internacional no futuro. Eduardo Campos Ministro de Estado da Ciência e Tecnologia Brasília, novembro de 2004. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Carlos Fernando Lemos - Coordenador.

  • 2007 - Atual

    CENTRO INTEGRADO DE MONITORAMENTO DE SECA DO ESTADO DE MINAS GERAIS- CIMOS, Descrição: CENTRO INTEGRADO DE MONITORAMENTO DE SECA DO ESTADO DE MINAS GERAIS- CIMOS, VISA MONITORAR E ACOMPANHAR A SECA EM TODO O ESTADO DE MINAS GERAIS - http://www.cedaf.ufv.br/cimos/ Na gestão de recursos hídricos em regiões semi-áridas do Estado de Minas Gerais é de capital importância dispor-se de instrumental prático de auxílio à tomada de decisões, notadamente nos períodos de secas. Desenvolveu-se, então, um sistema de suporte à decisão para o monitoramento de secas no estado de Minas Gerais ? CIMOS ? Centro Integrado de Monitoramento de Secas com base em índices meteorológicos. Utilizando o Método de Decis e incorporados a um sistema de acompanhamento das características básicas dos períodos de seca, quais sejam, duração, severidade e intensidade, de modo que diferenciadas ações mitigadoras pudessem ser de fato implementadas, de acordo com os valores atingidos por esses parâmetros. No monitoramento da precipitação os seguintes índices meteorológicos foram empregados através de sites de previsão climática e de tempo, uma vantagem prática no uso desses índices é o acompanhamento quase simultâneo (diário, semanal ou mensal, dependendo da disponibilidade dos dados) do grau de severidade e duração dos períodos secos, permitindo, com isso, tomar medidas efetiva se em tempo hábil, objetivando minorar os impactos ocasionados por uma seca.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Carlos Fernando Lemos - Coordenador / LUIS CLÁUDIO COSTA - Integrante.

  • 2004 - 2004

    COMUNICAÇÃO NACIONAL INICIAL DO BRASIL À CONVENÇÃO-QUADRO DAS NAÇÕES UNIDAS SOBRE MUDANÇA DO CLIMA, Descrição: A apresentação da Comunicação Nacional do Brasil é um passo institucional decisivo do governo Luiz Inácio Lula da Silva para honrar o compromisso do País na Convenção- Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima. Além de manter o espírito do País em ser um participante ativo nas questões relativas ao tema, o texto contribui para o melhor entendimento do problema global e do avanço da ciência na mudança do clima. O presente documento é importante para a divulgação do tema de mudanças climáticas, bem como para a educação e a conscientização da sociedade sobre os impactos adversos futuros do aquecimento global, ao mesmo tempo que induz novas oportunidades de desenvolvimento de tecnologias mais limpas e propicia o progresso da ciência. Certamente, assuntos afeitos à mudança do clima terão relevante papel na agenda nacional e internacional no futuro. Eduardo Campos Ministro de Estado da Ciência e Tecnologia Brasília, novembro de 2004. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Carlos Fernando Lemos - Coordenador.

  • 2007 - Atual

    CENTRO INTEGRADO DE MONITORAMENTO DE SECA DO ESTADO DE MINAS GERAIS- CIMOS, Descrição: CENTRO INTEGRADO DE MONITORAMENTO DE SECA DO ESTADO DE MINAS GERAIS- CIMOS, VISA MONITORAR E ACOMPANHAR A SECA EM TODO O ESTADO DE MINAS GERAIS - http://www.cedaf.ufv.br/cimos/ Na gestão de recursos hídricos em regiões semi-áridas do Estado de Minas Gerais é de capital importância dispor-se de instrumental prático de auxílio à tomada de decisões, notadamente nos períodos de secas. Desenvolveu-se, então, um sistema de suporte à decisão para o monitoramento de secas no estado de Minas Gerais ? CIMOS ? Centro Integrado de Monitoramento de Secas com base em índices meteorológicos. Utilizando o Método de Decis e incorporados a um sistema de acompanhamento das características básicas dos períodos de seca, quais sejam, duração, severidade e intensidade, de modo que diferenciadas ações mitigadoras pudessem ser de fato implementadas, de acordo com os valores atingidos por esses parâmetros. No monitoramento da precipitação os seguintes índices meteorológicos foram empregados através de sites de previsão climática e de tempo, uma vantagem prática no uso desses índices é o acompanhamento quase simultâneo (diário, semanal ou mensal, dependendo da disponibilidade dos dados) do grau de severidade e duração dos períodos secos, permitindo, com isso, tomar medidas efetiva se em tempo hábil, objetivando minorar os impactos ocasionados por uma seca.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Carlos Fernando Lemos - Coordenador / LUIS CLÁUDIO COSTA - Integrante.

  • 2004 - 2004

    COMUNICAÇÃO NACIONAL INICIAL DO BRASIL À CONVENÇÃO-QUADRO DAS NAÇÕES UNIDAS SOBRE MUDANÇA DO CLIMA, Descrição: A apresentação da Comunicação Nacional do Brasil é um passo institucional decisivo do governo Luiz Inácio Lula da Silva para honrar o compromisso do País na Convenção- Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima. Além de manter o espírito do País em ser um participante ativo nas questões relativas ao tema, o texto contribui para o melhor entendimento do problema global e do avanço da ciência na mudança do clima. O presente documento é importante para a divulgação do tema de mudanças climáticas, bem como para a educação e a conscientização da sociedade sobre os impactos adversos futuros do aquecimento global, ao mesmo tempo que induz novas oportunidades de desenvolvimento de tecnologias mais limpas e propicia o progresso da ciência. Certamente, assuntos afeitos à mudança do clima terão relevante papel na agenda nacional e internacional no futuro. Eduardo Campos Ministro de Estado da Ciência e Tecnologia Brasília, novembro de 2004. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Carlos Fernando Lemos - Coordenador.

  • 2007 - Atual

    CENTRO INTEGRADO DE MONITORAMENTO DE SECA DO ESTADO DE MINAS GERAIS- CIMOS, Descrição: CENTRO INTEGRADO DE MONITORAMENTO DE SECA DO ESTADO DE MINAS GERAIS- CIMOS, VISA MONITORAR E ACOMPANHAR A SECA EM TODO O ESTADO DE MINAS GERAIS - http://www.cedaf.ufv.br/cimos/ Na gestão de recursos hídricos em regiões semi-áridas do Estado de Minas Gerais é de capital importância dispor-se de instrumental prático de auxílio à tomada de decisões, notadamente nos períodos de secas. Desenvolveu-se, então, um sistema de suporte à decisão para o monitoramento de secas no estado de Minas Gerais ? CIMOS ? Centro Integrado de Monitoramento de Secas com base em índices meteorológicos. Utilizando o Método de Decis e incorporados a um sistema de acompanhamento das características básicas dos períodos de seca, quais sejam, duração, severidade e intensidade, de modo que diferenciadas ações mitigadoras pudessem ser de fato implementadas, de acordo com os valores atingidos por esses parâmetros. No monitoramento da precipitação os seguintes índices meteorológicos foram empregados através de sites de previsão climática e de tempo, uma vantagem prática no uso desses índices é o acompanhamento quase simultâneo (diário, semanal ou mensal, dependendo da disponibilidade dos dados) do grau de severidade e duração dos períodos secos, permitindo, com isso, tomar medidas efetiva se em tempo hábil, objetivando minorar os impactos ocasionados por uma seca.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Carlos Fernando Lemos - Coordenador / LUIS CLÁUDIO COSTA - Integrante.

  • 2004 - 2004

    COMUNICAÇÃO NACIONAL INICIAL DO BRASIL À CONVENÇÃO-QUADRO DAS NAÇÕES UNIDAS SOBRE MUDANÇA DO CLIMA, Descrição: A apresentação da Comunicação Nacional do Brasil é um passo institucional decisivo do governo Luiz Inácio Lula da Silva para honrar o compromisso do País na Convenção- Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima. Além de manter o espírito do País em ser um participante ativo nas questões relativas ao tema, o texto contribui para o melhor entendimento do problema global e do avanço da ciência na mudança do clima. O presente documento é importante para a divulgação do tema de mudanças climáticas, bem como para a educação e a conscientização da sociedade sobre os impactos adversos futuros do aquecimento global, ao mesmo tempo que induz novas oportunidades de desenvolvimento de tecnologias mais limpas e propicia o progresso da ciência. Certamente, assuntos afeitos à mudança do clima terão relevante papel na agenda nacional e internacional no futuro. Eduardo Campos Ministro de Estado da Ciência e Tecnologia Brasília, novembro de 2004. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Carlos Fernando Lemos - Coordenador.

  • 2007 - Atual

    CENTRO INTEGRADO DE MONITORAMENTO DE SECA DO ESTADO DE MINAS GERAIS- CIMOS, Descrição: CENTRO INTEGRADO DE MONITORAMENTO DE SECA DO ESTADO DE MINAS GERAIS- CIMOS, VISA MONITORAR E ACOMPANHAR A SECA EM TODO O ESTADO DE MINAS GERAIS - http://www.cedaf.ufv.br/cimos/ Na gestão de recursos hídricos em regiões semi-áridas do Estado de Minas Gerais é de capital importância dispor-se de instrumental prático de auxílio à tomada de decisões, notadamente nos períodos de secas. Desenvolveu-se, então, um sistema de suporte à decisão para o monitoramento de secas no estado de Minas Gerais ? CIMOS ? Centro Integrado de Monitoramento de Secas com base em índices meteorológicos. Utilizando o Método de Decis e incorporados a um sistema de acompanhamento das características básicas dos períodos de seca, quais sejam, duração, severidade e intensidade, de modo que diferenciadas ações mitigadoras pudessem ser de fato implementadas, de acordo com os valores atingidos por esses parâmetros. No monitoramento da precipitação os seguintes índices meteorológicos foram empregados através de sites de previsão climática e de tempo, uma vantagem prática no uso desses índices é o acompanhamento quase simultâneo (diário, semanal ou mensal, dependendo da disponibilidade dos dados) do grau de severidade e duração dos períodos secos, permitindo, com isso, tomar medidas efetiva se em tempo hábil, objetivando minorar os impactos ocasionados por uma seca.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Carlos Fernando Lemos - Coordenador / LUIS CLÁUDIO COSTA - Integrante.

  • 2004 - 2004

    COMUNICAÇÃO NACIONAL INICIAL DO BRASIL À CONVENÇÃO-QUADRO DAS NAÇÕES UNIDAS SOBRE MUDANÇA DO CLIMA, Descrição: A apresentação da Comunicação Nacional do Brasil é um passo institucional decisivo do governo Luiz Inácio Lula da Silva para honrar o compromisso do País na Convenção- Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima. Além de manter o espírito do País em ser um participante ativo nas questões relativas ao tema, o texto contribui para o melhor entendimento do problema global e do avanço da ciência na mudança do clima. O presente documento é importante para a divulgação do tema de mudanças climáticas, bem como para a educação e a conscientização da sociedade sobre os impactos adversos futuros do aquecimento global, ao mesmo tempo que induz novas oportunidades de desenvolvimento de tecnologias mais limpas e propicia o progresso da ciência. Certamente, assuntos afeitos à mudança do clima terão relevante papel na agenda nacional e internacional no futuro. Eduardo Campos Ministro de Estado da Ciência e Tecnologia Brasília, novembro de 2004. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Carlos Fernando Lemos - Coordenador.

  • 2007 - Atual

    CENTRO INTEGRADO DE MONITORAMENTO DE SECA DO ESTADO DE MINAS GERAIS- CIMOS, Descrição: CENTRO INTEGRADO DE MONITORAMENTO DE SECA DO ESTADO DE MINAS GERAIS- CIMOS, VISA MONITORAR E ACOMPANHAR A SECA EM TODO O ESTADO DE MINAS GERAIS - http://www.cedaf.ufv.br/cimos/ Na gestão de recursos hídricos em regiões semi-áridas do Estado de Minas Gerais é de capital importância dispor-se de instrumental prático de auxílio à tomada de decisões, notadamente nos períodos de secas. Desenvolveu-se, então, um sistema de suporte à decisão para o monitoramento de secas no estado de Minas Gerais ? CIMOS ? Centro Integrado de Monitoramento de Secas com base em índices meteorológicos. Utilizando o Método de Decis e incorporados a um sistema de acompanhamento das características básicas dos períodos de seca, quais sejam, duração, severidade e intensidade, de modo que diferenciadas ações mitigadoras pudessem ser de fato implementadas, de acordo com os valores atingidos por esses parâmetros. No monitoramento da precipitação os seguintes índices meteorológicos foram empregados através de sites de previsão climática e de tempo, uma vantagem prática no uso desses índices é o acompanhamento quase simultâneo (diário, semanal ou mensal, dependendo da disponibilidade dos dados) do grau de severidade e duração dos períodos secos, permitindo, com isso, tomar medidas efetiva se em tempo hábil, objetivando minorar os impactos ocasionados por uma seca.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Carlos Fernando Lemos - Coordenador / LUIS CLÁUDIO COSTA - Integrante.

  • 2004 - 2004

    COMUNICAÇÃO NACIONAL INICIAL DO BRASIL À CONVENÇÃO-QUADRO DAS NAÇÕES UNIDAS SOBRE MUDANÇA DO CLIMA, Descrição: A apresentação da Comunicação Nacional do Brasil é um passo institucional decisivo do governo Luiz Inácio Lula da Silva para honrar o compromisso do País na Convenção- Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima. Além de manter o espírito do País em ser um participante ativo nas questões relativas ao tema, o texto contribui para o melhor entendimento do problema global e do avanço da ciência na mudança do clima. O presente documento é importante para a divulgação do tema de mudanças climáticas, bem como para a educação e a conscientização da sociedade sobre os impactos adversos futuros do aquecimento global, ao mesmo tempo que induz novas oportunidades de desenvolvimento de tecnologias mais limpas e propicia o progresso da ciência. Certamente, assuntos afeitos à mudança do clima terão relevante papel na agenda nacional e internacional no futuro. Eduardo Campos Ministro de Estado da Ciência e Tecnologia Brasília, novembro de 2004. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Carlos Fernando Lemos - Coordenador.

  • 2007 - Atual

    CENTRO INTEGRADO DE MONITORAMENTO DE SECA DO ESTADO DE MINAS GERAIS- CIMOS, Descrição: CENTRO INTEGRADO DE MONITORAMENTO DE SECA DO ESTADO DE MINAS GERAIS- CIMOS, VISA MONITORAR E ACOMPANHAR A SECA EM TODO O ESTADO DE MINAS GERAIS - http://www.cedaf.ufv.br/cimos/ Na gestão de recursos hídricos em regiões semi-áridas do Estado de Minas Gerais é de capital importância dispor-se de instrumental prático de auxílio à tomada de decisões, notadamente nos períodos de secas. Desenvolveu-se, então, um sistema de suporte à decisão para o monitoramento de secas no estado de Minas Gerais ? CIMOS ? Centro Integrado de Monitoramento de Secas com base em índices meteorológicos. Utilizando o Método de Decis e incorporados a um sistema de acompanhamento das características básicas dos períodos de seca, quais sejam, duração, severidade e intensidade, de modo que diferenciadas ações mitigadoras pudessem ser de fato implementadas, de acordo com os valores atingidos por esses parâmetros. No monitoramento da precipitação os seguintes índices meteorológicos foram empregados através de sites de previsão climática e de tempo, uma vantagem prática no uso desses índices é o acompanhamento quase simultâneo (diário, semanal ou mensal, dependendo da disponibilidade dos dados) do grau de severidade e duração dos períodos secos, permitindo, com isso, tomar medidas efetiva se em tempo hábil, objetivando minorar os impactos ocasionados por uma seca.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Carlos Fernando Lemos - Coordenador / LUIS CLÁUDIO COSTA - Integrante.

  • 2004 - 2004

    COMUNICAÇÃO NACIONAL INICIAL DO BRASIL À CONVENÇÃO-QUADRO DAS NAÇÕES UNIDAS SOBRE MUDANÇA DO CLIMA, Descrição: A apresentação da Comunicação Nacional do Brasil é um passo institucional decisivo do governo Luiz Inácio Lula da Silva para honrar o compromisso do País na Convenção- Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima. Além de manter o espírito do País em ser um participante ativo nas questões relativas ao tema, o texto contribui para o melhor entendimento do problema global e do avanço da ciência na mudança do clima. O presente documento é importante para a divulgação do tema de mudanças climáticas, bem como para a educação e a conscientização da sociedade sobre os impactos adversos futuros do aquecimento global, ao mesmo tempo que induz novas oportunidades de desenvolvimento de tecnologias mais limpas e propicia o progresso da ciência. Certamente, assuntos afeitos à mudança do clima terão relevante papel na agenda nacional e internacional no futuro. Eduardo Campos Ministro de Estado da Ciência e Tecnologia Brasília, novembro de 2004. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Carlos Fernando Lemos - Coordenador.

  • 2007 - Atual

    CENTRO INTEGRADO DE MONITORAMENTO DE SECA DO ESTADO DE MINAS GERAIS- CIMOS, Descrição: CENTRO INTEGRADO DE MONITORAMENTO DE SECA DO ESTADO DE MINAS GERAIS- CIMOS, VISA MONITORAR E ACOMPANHAR A SECA EM TODO O ESTADO DE MINAS GERAIS - http://www.cedaf.ufv.br/cimos/ Na gestão de recursos hídricos em regiões semi-áridas do Estado de Minas Gerais é de capital importância dispor-se de instrumental prático de auxílio à tomada de decisões, notadamente nos períodos de secas. Desenvolveu-se, então, um sistema de suporte à decisão para o monitoramento de secas no estado de Minas Gerais ? CIMOS ? Centro Integrado de Monitoramento de Secas com base em índices meteorológicos. Utilizando o Método de Decis e incorporados a um sistema de acompanhamento das características básicas dos períodos de seca, quais sejam, duração, severidade e intensidade, de modo que diferenciadas ações mitigadoras pudessem ser de fato implementadas, de acordo com os valores atingidos por esses parâmetros. No monitoramento da precipitação os seguintes índices meteorológicos foram empregados através de sites de previsão climática e de tempo, uma vantagem prática no uso desses índices é o acompanhamento quase simultâneo (diário, semanal ou mensal, dependendo da disponibilidade dos dados) do grau de severidade e duração dos períodos secos, permitindo, com isso, tomar medidas efetiva se em tempo hábil, objetivando minorar os impactos ocasionados por uma seca.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Carlos Fernando Lemos - Coordenador / LUIS CLÁUDIO COSTA - Integrante.

  • 2004 - 2004

    COMUNICAÇÃO NACIONAL INICIAL DO BRASIL À CONVENÇÃO-QUADRO DAS NAÇÕES UNIDAS SOBRE MUDANÇA DO CLIMA, Descrição: A apresentação da Comunicação Nacional do Brasil é um passo institucional decisivo do governo Luiz Inácio Lula da Silva para honrar o compromisso do País na Convenção- Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima. Além de manter o espírito do País em ser um participante ativo nas questões relativas ao tema, o texto contribui para o melhor entendimento do problema global e do avanço da ciência na mudança do clima. O presente documento é importante para a divulgação do tema de mudanças climáticas, bem como para a educação e a conscientização da sociedade sobre os impactos adversos futuros do aquecimento global, ao mesmo tempo que induz novas oportunidades de desenvolvimento de tecnologias mais limpas e propicia o progresso da ciência. Certamente, assuntos afeitos à mudança do clima terão relevante papel na agenda nacional e internacional no futuro. Eduardo Campos Ministro de Estado da Ciência e Tecnologia Brasília, novembro de 2004. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Carlos Fernando Lemos - Coordenador.

  • 2007 - Atual

    CENTRO INTEGRADO DE MONITORAMENTO DE SECA DO ESTADO DE MINAS GERAIS- CIMOS, Descrição: CENTRO INTEGRADO DE MONITORAMENTO DE SECA DO ESTADO DE MINAS GERAIS- CIMOS, VISA MONITORAR E ACOMPANHAR A SECA EM TODO O ESTADO DE MINAS GERAIS - http://www.cedaf.ufv.br/cimos/ Na gestão de recursos hídricos em regiões semi-áridas do Estado de Minas Gerais é de capital importância dispor-se de instrumental prático de auxílio à tomada de decisões, notadamente nos períodos de secas. Desenvolveu-se, então, um sistema de suporte à decisão para o monitoramento de secas no estado de Minas Gerais ? CIMOS ? Centro Integrado de Monitoramento de Secas com base em índices meteorológicos. Utilizando o Método de Decis e incorporados a um sistema de acompanhamento das características básicas dos períodos de seca, quais sejam, duração, severidade e intensidade, de modo que diferenciadas ações mitigadoras pudessem ser de fato implementadas, de acordo com os valores atingidos por esses parâmetros. No monitoramento da precipitação os seguintes índices meteorológicos foram empregados através de sites de previsão climática e de tempo, uma vantagem prática no uso desses índices é o acompanhamento quase simultâneo (diário, semanal ou mensal, dependendo da disponibilidade dos dados) do grau de severidade e duração dos períodos secos, permitindo, com isso, tomar medidas efetiva se em tempo hábil, objetivando minorar os impactos ocasionados por uma seca.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Carlos Fernando Lemos - Coordenador / LUIS CLÁUDIO COSTA - Integrante.

  • 2004 - 2004

    COMUNICAÇÃO NACIONAL INICIAL DO BRASIL À CONVENÇÃO-QUADRO DAS NAÇÕES UNIDAS SOBRE MUDANÇA DO CLIMA, Descrição: A apresentação da Comunicação Nacional do Brasil é um passo institucional decisivo do governo Luiz Inácio Lula da Silva para honrar o compromisso do País na Convenção- Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima. Além de manter o espírito do País em ser um participante ativo nas questões relativas ao tema, o texto contribui para o melhor entendimento do problema global e do avanço da ciência na mudança do clima. O presente documento é importante para a divulgação do tema de mudanças climáticas, bem como para a educação e a conscientização da sociedade sobre os impactos adversos futuros do aquecimento global, ao mesmo tempo que induz novas oportunidades de desenvolvimento de tecnologias mais limpas e propicia o progresso da ciência. Certamente, assuntos afeitos à mudança do clima terão relevante papel na agenda nacional e internacional no futuro. Eduardo Campos Ministro de Estado da Ciência e Tecnologia Brasília, novembro de 2004. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Carlos Fernando Lemos - Coordenador.

  • 2007 - Atual

    CENTRO INTEGRADO DE MONITORAMENTO DE SECA DO ESTADO DE MINAS GERAIS- CIMOS, Descrição: CENTRO INTEGRADO DE MONITORAMENTO DE SECA DO ESTADO DE MINAS GERAIS- CIMOS, VISA MONITORAR E ACOMPANHAR A SECA EM TODO O ESTADO DE MINAS GERAIS - http://www.cedaf.ufv.br/cimos/ Na gestão de recursos hídricos em regiões semi-áridas do Estado de Minas Gerais é de capital importância dispor-se de instrumental prático de auxílio à tomada de decisões, notadamente nos períodos de secas. Desenvolveu-se, então, um sistema de suporte à decisão para o monitoramento de secas no estado de Minas Gerais ? CIMOS ? Centro Integrado de Monitoramento de Secas com base em índices meteorológicos. Utilizando o Método de Decis e incorporados a um sistema de acompanhamento das características básicas dos períodos de seca, quais sejam, duração, severidade e intensidade, de modo que diferenciadas ações mitigadoras pudessem ser de fato implementadas, de acordo com os valores atingidos por esses parâmetros. No monitoramento da precipitação os seguintes índices meteorológicos foram empregados através de sites de previsão climática e de tempo, uma vantagem prática no uso desses índices é o acompanhamento quase simultâneo (diário, semanal ou mensal, dependendo da disponibilidade dos dados) do grau de severidade e duração dos períodos secos, permitindo, com isso, tomar medidas efetiva se em tempo hábil, objetivando minorar os impactos ocasionados por uma seca.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Carlos Fernando Lemos - Coordenador / LUIS CLÁUDIO COSTA - Integrante.

  • 2004 - 2004

    COMUNICAÇÃO NACIONAL INICIAL DO BRASIL À CONVENÇÃO-QUADRO DAS NAÇÕES UNIDAS SOBRE MUDANÇA DO CLIMA, Descrição: A apresentação da Comunicação Nacional do Brasil é um passo institucional decisivo do governo Luiz Inácio Lula da Silva para honrar o compromisso do País na Convenção- Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima. Além de manter o espírito do País em ser um participante ativo nas questões relativas ao tema, o texto contribui para o melhor entendimento do problema global e do avanço da ciência na mudança do clima. O presente documento é importante para a divulgação do tema de mudanças climáticas, bem como para a educação e a conscientização da sociedade sobre os impactos adversos futuros do aquecimento global, ao mesmo tempo que induz novas oportunidades de desenvolvimento de tecnologias mais limpas e propicia o progresso da ciência. Certamente, assuntos afeitos à mudança do clima terão relevante papel na agenda nacional e internacional no futuro. Eduardo Campos Ministro de Estado da Ciência e Tecnologia Brasília, novembro de 2004. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Carlos Fernando Lemos - Coordenador.

  • 2007 - Atual

    CENTRO INTEGRADO DE MONITORAMENTO DE SECA DO ESTADO DE MINAS GERAIS- CIMOS, Descrição: CENTRO INTEGRADO DE MONITORAMENTO DE SECA DO ESTADO DE MINAS GERAIS- CIMOS, VISA MONITORAR E ACOMPANHAR A SECA EM TODO O ESTADO DE MINAS GERAIS - http://www.cedaf.ufv.br/cimos/ Na gestão de recursos hídricos em regiões semi-áridas do Estado de Minas Gerais é de capital importância dispor-se de instrumental prático de auxílio à tomada de decisões, notadamente nos períodos de secas. Desenvolveu-se, então, um sistema de suporte à decisão para o monitoramento de secas no estado de Minas Gerais ? CIMOS ? Centro Integrado de Monitoramento de Secas com base em índices meteorológicos. Utilizando o Método de Decis e incorporados a um sistema de acompanhamento das características básicas dos períodos de seca, quais sejam, duração, severidade e intensidade, de modo que diferenciadas ações mitigadoras pudessem ser de fato implementadas, de acordo com os valores atingidos por esses parâmetros. No monitoramento da precipitação os seguintes índices meteorológicos foram empregados através de sites de previsão climática e de tempo, uma vantagem prática no uso desses índices é o acompanhamento quase simultâneo (diário, semanal ou mensal, dependendo da disponibilidade dos dados) do grau de severidade e duração dos períodos secos, permitindo, com isso, tomar medidas efetiva se em tempo hábil, objetivando minorar os impactos ocasionados por uma seca.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento.

  • 2004 - 2004

    COMUNICAÇÃO NACIONAL INICIAL DO BRASIL À CONVENÇÃO-QUADRO DAS NAÇÕES UNIDAS SOBRE MUDANÇA DO CLIMA, Descrição: A apresentação da Comunicação Nacional do Brasil é um passo institucional decisivo do governo Luiz Inácio Lula da Silva para honrar o compromisso do País na Convenção- Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima. Além de manter o espírito do País em ser um participante ativo nas questões relativas ao tema, o texto contribui para o melhor entendimento do problema global e do avanço da ciência na mudança do clima. O presente documento é importante para a divulgação do tema de mudanças climáticas, bem como para a educação e a conscientização da sociedade sobre os impactos adversos futuros do aquecimento global, ao mesmo tempo que induz novas oportunidades de desenvolvimento de tecnologias mais limpas e propicia o progresso da ciência. Certamente, assuntos afeitos à mudança do clima terão relevante papel na agenda nacional e internacional no futuro. Eduardo Campos Ministro de Estado da Ciência e Tecnologia Brasília, novembro de 2004. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento.

  • 2007 - Atual

    CENTRO INTEGRADO DE MONITORAMENTO DE SECA DO ESTADO DE MINAS GERAIS- CIMOS, Descrição: CENTRO INTEGRADO DE MONITORAMENTO DE SECA DO ESTADO DE MINAS GERAIS- CIMOS, VISA MONITORAR E ACOMPANHAR A SECA EM TODO O ESTADO DE MINAS GERAIS - http://www.cedaf.ufv.br/cimos/ Na gestão de recursos hídricos em regiões semi-áridas do Estado de Minas Gerais é de capital importância dispor-se de instrumental prático de auxílio à tomada de decisões, notadamente nos períodos de secas. Desenvolveu-se, então, um sistema de suporte à decisão para o monitoramento de secas no estado de Minas Gerais ? CIMOS ? Centro Integrado de Monitoramento de Secas com base em índices meteorológicos. Utilizando o Método de Decis e incorporados a um sistema de acompanhamento das características básicas dos períodos de seca, quais sejam, duração, severidade e intensidade, de modo que diferenciadas ações mitigadoras pudessem ser de fato implementadas, de acordo com os valores atingidos por esses parâmetros. No monitoramento da precipitação os seguintes índices meteorológicos foram empregados através de sites de previsão climática e de tempo, uma vantagem prática no uso desses índices é o acompanhamento quase simultâneo (diário, semanal ou mensal, dependendo da disponibilidade dos dados) do grau de severidade e duração dos períodos secos, permitindo, com isso, tomar medidas efetiva se em tempo hábil, objetivando minorar os impactos ocasionados por uma seca.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Carlos Fernando Lemos - Coordenador / LUIS CLÁUDIO COSTA - Integrante.

  • 2004 - 2004

    COMUNICAÇÃO NACIONAL INICIAL DO BRASIL À CONVENÇÃO-QUADRO DAS NAÇÕES UNIDAS SOBRE MUDANÇA DO CLIMA, Descrição: A apresentação da Comunicação Nacional do Brasil é um passo institucional decisivo do governo Luiz Inácio Lula da Silva para honrar o compromisso do País na Convenção- Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima. Além de manter o espírito do País em ser um participante ativo nas questões relativas ao tema, o texto contribui para o melhor entendimento do problema global e do avanço da ciência na mudança do clima. O presente documento é importante para a divulgação do tema de mudanças climáticas, bem como para a educação e a conscientização da sociedade sobre os impactos adversos futuros do aquecimento global, ao mesmo tempo que induz novas oportunidades de desenvolvimento de tecnologias mais limpas e propicia o progresso da ciência. Certamente, assuntos afeitos à mudança do clima terão relevante papel na agenda nacional e internacional no futuro. Eduardo Campos Ministro de Estado da Ciência e Tecnologia Brasília, novembro de 2004. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Carlos Fernando Lemos - Coordenador.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Prêmios

2017

PROFESSOR HOMENAGIADO PELA 15° TURMA DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL, UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA.

2013

PROFESSOR HOMENAGIADO PELA 5° TURMA DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL, UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA.

2013

PROFESSOR HOMENAGIADO PELA 6° TURMA DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL, UNIVERSIDADEFEDERAL DE VIÇOSA.

2011

PROFESSOR HOMENAGIADO PELA 4° TURMA DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL, UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA.

2010

PROFESSOR HOMENAGIADO PELA 3° TURMA DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL, UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA.

2009

PROFESSOR HOMENAGIADO PELA 1° TURMA DE TENOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL, UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CAMPUS FLORESTAL. , RODOVIA LMG 818 Km 6, Campus UFV, 36690000 - Florestal, MG - Brasil, Telefone: (31) 35363396, Fax: (31) 35363396, URL da Homepage:

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2015 - Atual

    Instituto Federal Minas Gerais - BAMBUÍ

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor do mestrado profissional, Carga horária: 2

  • 2015 - Atual

    Universidade Federal de Viçosa - Campus Florestal

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: PROF. ADJUNTO IV, Regime: Dedicação exclusiva.

  • 2015 - Atual

    Universidade Federal de Viçosa - Campus Florestal

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: MEMBRO DO COLEGIADO DO MESTRADO DA IFMG, Carga horária: 5

    Outras informações:
    Membro do mestrado profissional em sustentabilidade ambiental da IFMG

  • 2015 - Atual

    Universidade Federal de Viçosa - Campus Florestal

    Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: MEMBRO CONSELHO EMPRESARIAL DE SUSTENTADADE, Carga horária: 3

    Outras informações:
    CONSELHO EMPRESARIAL DE SUSTENTABILIDADE DA CIDADE DE BELO HORIZONTE COMO PRESIDENTE O FABIANO BLANC ASSOCIAÇÃO EMPRESARIAL E COMERCIAL DE MINAS

  • 2015 - Atual

    Universidade Federal de Viçosa - Campus Florestal

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: PROFESSOR DO CURSO DE MESTRADO PROFISSIONAL

    Outras informações:
    PROFESSOR DO CURSO DE MESTRADO PROFISSIONAL EM SUSTENTABILIDADE E TECNOLOGIA AMBIENTAL EM BAMBUÍ.

  • 2014 - Atual

    Universidade Federal de Viçosa - Campus Florestal

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: MEMBRO DO PLANO DE LOGÍTICA SUSTENTÁVEL (PSL), Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    MEMBRO DO PLANO DE LOGÍTICA SUSTENTÁVEL (PSL) NORMATIVA 10 DE 12 NOV 2012. SECRETARIA DE LOGISTICA E TECNOL. DA INFORMAÇÃO DO MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO ORÇAMENTO E GESTÃO - BRASIL

  • 2013 - Atual

    Universidade Federal de Viçosa - Campus Florestal

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: MEMBRO DO PLANO DE DESENV. FÍSICO AMBIENTAL, Carga horária: 3

    Outras informações:
    MEMBRO DO PLANO DE DESENVOLVIMENTO FÍSICO AMBIENTAL DO CAMPUS UFV - FLORESTAL

  • 2012 - Atual

    Universidade Federal de Viçosa - Campus Florestal

    Vínculo: , Enquadramento Funcional: PRESIDENTE NÚCLEO DOCENTE ESTRUTURANTE (NDE), Regime: Dedicação exclusiva.

  • 2012 - Atual

    Universidade Federal de Viçosa - Campus Florestal

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: PRESIDENTE DA COMISSÃO COORDENADORA DO CURSO, Regime: Dedicação exclusiva.

  • 2012 - Atual

    Universidade Federal de Viçosa - Campus Florestal

    Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: MEMBRO DO CODEMA DA CIDADE DE FLORESTAL

  • 2013 - 2015

    Universidade Federal de Viçosa - Campus Florestal

    Vínculo: , Enquadramento Funcional: PROF ADJUNTO III, Regime: Dedicação exclusiva.

  • 2014 - 2014

    Universidade Federal de Viçosa - Campus Florestal

    Vínculo: , Enquadramento Funcional: PROFESSOR DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO

    Outras informações:
    Ministrando a Disciplina: Gerenciamento de Resíduos Sólidos

  • 2011 - 2013

    Universidade Federal de Viçosa - Campus Florestal

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: PROF ADJUNTO II, Regime: Dedicação exclusiva.

  • 2009 - 2011

    Universidade Federal de Viçosa - Campus Florestal

    Vínculo: , Enquadramento Funcional: PROF ADJUNTO I, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    COORDENADOR DAS DISCIPLINAS do Curso de Gestão Ambiental : 1) Meteorologia e Climatologia, 2) Monitoramento e Qualidade do ar, 3) Gerenciamento de Resíduos Sólidos, 4) SIG ? Sistema de Informações Geográficas e GPS, 5) Elaboração e Desenvolvimento de Projetos Ambientais e 6) Projeto Final de Curso. ## COORDENADOR DOS PROJETOS: 1) PROJETO CIMOS ? Centro Integrado de Monitoramento de Seca do Estado de Minas Gerais. 2) PROPAPEL - Gerenciamento e Controle de Papel e Papelão dentro do campus Universitário. 3) RECICLAÇÃO - Gerenciamento e Controle de Resíduos Sólidos dentro do campus Universitário.

  • 2010 - 2010

    Universidade Federal de Viçosa - Campus Florestal

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: MEMBRO DA COMISSÃO DE POS-GRADUAÇÃO

    Outras informações:
    membro da Comissão de elaboração do projeto de curso de pós graduação lato sensu à distância em Meio Ambiente, com especialização em Gestão Ambiental.

  • 2008 - 2009

    Universidade Federal de Viçosa - Campus Florestal

    Vínculo: , Enquadramento Funcional: PROFESSOR SUBSTITUTO, Carga horária: 12

    Outras informações:
    professor substituto

  • 2009 - Atual

    UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CEDAF

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: PROFESSOR ADJUNTO II, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    PROFESSOR ADJUNTO II COORDENADOR DAS SEGUINTES DISCIPLINAS: # CLIMATOLOGIA E METEOROLOGIA; # GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS SÓLIDOS; # MONITORAMENTO E QUALIDADE DO AR (POLUIÇÃO ATMOSFÉRICA); # SISTEMAS DE INFORMAÇÕES GEOGRÁFICAS (SIG); # COORDENADOR GERAL DO PROJETO PRO-PAPEL - RECICLAGEM DE PÁPEL DENTRO DO CAMPUS DA UFV EM FLORESTAL; # COORDENADOR DOS TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO (TCC) DO CURSO SUPERIOR EM TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL; # MEMBRO DO GRUPO DO NÚCLEO DOCENTE ESTRUTURANTE DO CURSO SUPERIOR EM TECNOLOGIA AMBIENTAL - UFV/ CAMPUS FLORESTAL

  • 2008 - 2009

    UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA - CEDAF

    Vínculo: PROFESSOR CONTRATADO HORISTA, Enquadramento Funcional: PROFESSOR HORISTA, Carga horária: 12

    Outras informações:
    MIISTRANDO AULAS PARA O CURSO DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL DISCIPLINAS: # CLIMATOLOGIA E QUALIDADE DO AR, # TOPOGRAFIA E INTRODUÇÃO AO GPS, # SISTEMAS DE INFORMAÇÕES GEOGRÁFICAS (SIG), # SANEAMENTO AMBIENTAL, # GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS SÓLIDOS, # SISTEMAS AGROFLORESTAIS E AGROECOLOGIA.

    Atividades

    • 08/2009

      Ensino, TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, SANEAMENTO AMBIENTAL, SISTEMAS AGROFLORESTAIS E AGROECOLOGIA, POLUIÇÃO ATMOSFÉRICA, METEOROLOGIA E CLIMATOLOGIA, GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS SÓLIDOS, SISTEMAS DE INFORMAÇÕES GEOGRÁFICAS (SIG)

  • 2007 - 2008

    Universidade Federal de Viçosa

    Vínculo: pós-doutorado, Enquadramento Funcional: Autonomo

  • 2004 - 2004

    Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações

    Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: AUTOR, REVISOR E COLABORADOR, Carga horária: 20

  • 1995 - 2003

    Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais

    Vínculo: Contratado através da FUNCATE, Enquadramento Funcional: METEOROLOGISTA PLENO I, Carga horária: 30

    Outras informações:
    desligado do trabalho para dedicar integralmente ao Doutorado

    Atividades

    • 03/2004 - 12/2005

      Ensino, GEOGRAFIA, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, CLIMATOLOGIA GERAL E DO BRASIL

    • 10/2004 - 12/2004

      Treinamentos ministrados , MADRI - INST. NAC. DE METEORLOGIA DA ESPANHA - MINIST. DO MEIO AMBIENTE, .,Treinamentos ministrados, CURSO DE APERFEIÇOAMENTE EM MEIO AMBIENTE E MUDANÇAS GLOBAIS

    • 01/1995 - 06/2003

      Pesquisa e desenvolvimento , centro de previsão de tempo e Estudos Climáticos - CPTEC, .,Linhas de pesquisa

    • 06/2000 - 06/2000

      Treinamentos ministrados , ECMWF - EUROPEAN CENTRE FOR MEDIUM-RANGE WEATHER FORECAST, .,Treinamentos ministrados, MET OP. USE AND INTERPRETATION OF ECMWF PRODUCTS

    • 07/1996 - 07/1996

      Treinamentos ministrados , CENTRO DE PREVISÃO DE TEMPO E ESTUDOS CLIMÁTICOS, .,Treinamentos ministrados, CURSO DE METVIEW - 12 HORAS

    • 10/1993 - 10/1993

      Treinamentos ministrados , UFRJ - INST. DE GEOCIENCIAS - DEPTO DE METEOROLOGIA, .,Treinamentos ministrados, CURSO DE TREINAMENTO EM METEOROLOGIA DE MESOESCALA

  • 1991 - 1991

    Universidade Federal do Rio de Janeiro

    Vínculo: ESTAGIÁRIO NA GRADUAÇÃO, Enquadramento Funcional: DEPARTAMENTO DE METEOROLOGIA DA UFRJ, Carga horária: 10

    Outras informações:
    ESTAGIÁRIO NO DEPARTAMENTO DE METEOROLOGIA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO DRE: No 901321262 Período: março/1991 a dez/1991

  • 2002 - 2003

    UNIVERSIDADE SALESIANAS - LORENA SP

    Vínculo: ESTÁGIO DE DOCÊNCIA, Enquadramento Funcional: ESTÁGIO DE DOCÊNCIA, Carga horária: 6

    Outras informações:
    ESTÁGIO DE DOCÊNCIA: UNISAL ? UIVERSIDADE SALESIANAS - LORENA SP Comprovação - ENCONTRA-SE NO HISTÓRICO ESCOLAR DO DOUTORADO PERÍODO: 2o SEMESTRE DE 2002 A 1º SEMESTRE DE 2003 CARGA HORÁRIA: 120 HORAS

  • 1992 - 1993

    Centrais Elétricas - Sede

    Vínculo: Estário Supervisionado, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    - Análise e cálculo de vazão das Usinas Hidroelétricas, - Cálculo de dispersão de poluentes para as Usinas Hidroelétricas, Termoelétricas e Nuclear. Sensoriamento Remoto (Controle das Reservas Ambientais de FURNAS) Emissão de relatórios ambientais EIA e RIMA Análise e cálculo dos níveis de dispersão de poluentes das Usinas Termoelétricas através de modelos numéricos: Industrial Source Complex Long e Short Term (ISCST -ISCLT)

  • 1991 - 1991

    DIRETORIA DE HIDROGRAFIA E NAVEGAÇÃO - MINISTÉRIO DA MARINHA

    Vínculo: Estágio Supervisionado, Enquadramento Funcional: Estágio, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Elaboração de boletins de previsão de tempo e clima para a Marinha do Brasil e Atlântico Sul Calculo de manobra de evasão da frota nacional Previsão de ondas, direção e velocidades dos ventos na costa brasileira

  • 2015 - Atual

    INSTITUTO FEDERAL MINAS GERAIS

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: professor convidado, Carga horária: 6

    Outras informações:
    Professor do curso do Mestrado profissional em sustentabilidade e tecnologia ambiental no Instituto Federal de Minas Gerais em Bambuí - MG

  • 2016 - Atual

    INSTITUTO GLOBAL BIOSFERA

    Vínculo: Professor Visitante, Enquadramento Funcional: CONSELHO CONSULTIVO NACIONAL, Carga horária: 2

    Outras informações:
    http://biosfera.org.br/quem-somos/