Fernando Perez Uribbe

Possuo graduação em Bacharelado em Ciências Biológicas pela Universidade do Grande Rio (2011), graduação em Licenciatura em Ciências Biológicas pela Universidade do Grande Rio (2010) e Mestrado em Ciências Biológicas - Botânica pelo Museu Nacional/UFRJ,. Atualmente sou aluno de Doutorado - Museu Nacional/UFRJ. Tem experiência na área de Botânica, com ênfase em Botânica, atuando principalmente nos seguintes temas: meio ambiente, conservação, taxonomia, botânica, pteridophyta, bromeliaceae e flora.

Informações coletadas do Lattes em 05/04/2019

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em andamento em Ciências Biológicas - Botânica

2016 - Atual

Museu Nacional/UFRJ
Título: Modelagem e Conservação de Bromeliaceae no Estado de Rio de Janeiro,
Andrea Ferreira da Costa. Coorientador: Marinez Ferreira de Siqueira. Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Palavras-chave: Distribuição geografica; Endemismo; Mata Atlântica; Áreas de conservação; Preditiva.Grande área: Ciências BiológicasGrande Área: Ciências Biológicas / Área: Botânica / Subárea: Taxonomia Vegetal / Especialidade: Taxonomia de Fanerógamos. Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia.

Mestrado em Ciências Biológicas (Botânica)

2012 - 2014

Museu Nacional/UFRJ
Título: Variação Morfológica em Vriesea procera (Mart. ex Schult. & Schult. f.) Wittm. (Bromeliaceae, Tillandsioideae),Ano de Obtenção: 2014
Andrea Ferreira da Costa.Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil. Palavras-chave: morfometria; Taxonomia; morfologia.Grande área: Ciências Biológicas

Graduação em Bacharelado em Ciências Biologicas

2010 - 2011

Universidade do Grande Rio
Título: Comparação da fitofisionomia de dois trechos de Floresta Atlântica no Parque Natural Municipal da Taquara, Duque de Caxias, RJ
Orientador: Wellington Rodrigues de Matos

Graduação em Licenciatura em Ciências Biológicas

2007 - 2010

Universidade do Grande Rio
Título: Conscientização Da População Sobre O Risco De Doenças Causadas Pela Poluição Da Baía De Sepetiba: Projeto Sepetiba
Orientador: Ricardo O'reilly

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2011 - 2011

Morfometria:Introdução a Princípios e Metodologias. (Carga horária: 16h). , Sociedade Brasileira de Botânica, SBB, Brasil.

2010 - 2010

Mini-curso:Programa Nacional de Educação Ambiental. (Carga horária: 7h). , ONG Onda Verde, ONG, Brasil.

2009 - 2009

Extensão universitária em 2º Curso de Biologia de Anfíbios. (Carga horária: 30h). , ONG Atlântica Protegida, ONGAP, Brasil.

2009 - 2009

Extensão universitária em Técnicas e Procedimentos de Campo. (Carga horária: 10h). , Associação Rural de Duque de Caxias, ARDUC, Brasil.

2009 - 2009

Extensão universitária em Oficina Didática de Ciências. (Carga horária: 14h). , Museu de Astronomia e Ciências Afins, MAST, Brasil.

2007 - 2007

Extensão universitária em Os Aspectos Biológicos dos Crocodilianos. (Carga horária: 12h). , Eco eventos, ECOEV, Brasil.

2007 - 2007

Extensão universitária em Ofídio. (Carga horária: 8h). , Eco eventos, ECOEV, Brasil.

2007 - 2007

Extensão universitária em CÉLULAS TRONCO - NOVAS PERSPECTIVAS NA MEDICINA. (Carga horária: 10h). , Universidade do Grande Rio, UNIGRANRIO, Brasil.

2007 - 2007

Extensão universitária em Técnicas de Trabalho de Campo. (Carga horária: 30h). , Universidade do Grande Rio, UNIGRANRIO, Brasil.

2007 - 2007

Extensão universitária em Coleta e Herborização de Material Botânico. (Carga horária: 8h). , Universidade do Grande Rio, UNIGRANRIO, Brasil.

2007 - 2007

Extensão universitária em Introdução à Ictiologia. (Carga horária: 12h). , Eco eventos, ECOEV, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.

Espanhol

Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Botânica.

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Botânica / Subárea: Taxonomia Vegetal.

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Botânica / Subárea: Taxonomia Vegetal/Especialidade: Taxonomia de Fanerógamos.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

Fórum de Botânica.Variação Morfologica em Vriesea procera (Mart. ex Schult. & Schult. f.) Wittm. (Bromeliaceae, Tillandsioideae). 2014. (Simpósio).

63 Congresso Nacional de Botânica. Bromeliáceas de Santa Catarina Revisitadas. 2012. (Congresso).

Seminário PPGZOO - 40 anos. 2012. (Seminário).

XXXIV Jornada Giulio Massarani de Iniciação Cientifica, Tecnológica, Artística e Cultural.Aechmea Ruiz. Pav. no Parque Nacional da Serra dos Orgãos. 2012. (Outra).

62º Congresso Nacional de Botânica. Bromeliaceae Organensis. 2011. (Congresso).

XXXIII Jornada Giulio Massarani de Iniciação Cientifica, Tecnológica, Artística e Cultural.Bromeliaceae Organensis. 2011. (Outra).

Painel Setorial INMETRO - Certificação Florestal e a Biotecnologia. 2009. (Seminário).

Painel Setorial INMETRO - Desafios Atuais da Educação a Distância. 2009. (Seminário).

Painel Setorial INMETRO - Sustentabilidade da Construção Civil. 2009. (Seminário).

Visita Técnica ao Centro de Visitação Ambiental da Estação de Tratamento de Esgoto de Alegria. 2009. (Outra).

2º Fórum de Botânica da UNIGRANRIO. 2008. (Simpósio).

Reunião Regional da SBPC. 2008. (Encontro).

1º Fórum de Ética - As perspectivas da ética na sociedade. 2007. (Outra).

58º Congresso Nacional de Botânica. LEVANTAMENTO DO TYPUS DE Anemiaceae (Monilophyta) DO HERBARIUM BRADEANUM(HB). 2007. (Congresso).

I ENCONTRO DE CONSCIENTIZAÇÃO AMBIENTAL - BIOMARAPENDI.Estado de conservação da Reserva do Lagoa do Marapendi. 2007. (Encontro).

PORTAS ABERTAS CAMPUS II - UNIDADE BARRA DA TIJUCA.APRESENTAÇÃO UNIGRANRIO, UNIDADE BARRA. 2007. (Outra).

SEMANA DE BIOLOGIA UNIGRANRIO: XI SEMANA DE BIOLOGIA-DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL. 2007. (Outra).

XXVII Encontro Regional de Botânica.PTERIFLORA DA BARRAGEM DE SARACURUNA, RIO DE JANEIRO. 2007. (Encontro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Andrea Ferreira da Costa

COSTA, A. F.ARAUJO, D. S. D.; SALGUEIRO, F.. Variação morfológica em Vriesea procera (Mart. ex Schult. & Schult. f.) Wittm. (Bromeliaceae, Tillandsioideae). 2014. Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas (Botânica)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

André Felippe Nunes de Freitas

COSTA, Andréa Ferreira da;NUNES-FREITAS, A.F.; ARAUJO, Dorothy Sue Dunn de; Wendt, Tânia; MOURA, Ricardo Loyola. Variação morfológica em Vriesea procera (Mart. ex Schult. & Schult. f.) Wittm. (Bromeliaceae, Tillandsioideae). 2014. Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas (Botânica)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Carlos Eduardo Silva Jascone

Pteridófitas do Herbarium Bradeanum; 2008; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências Biológicas) - Herbarium Bradeanum; Orientador: Carlos Eduardo Silva Jascone;

Andrea Ferreira da Costa

Modelagem e Conservação de Bromeliaceae no Estado do Rio de Janeiro; Início: 2016; Tese (Doutorado em Ciências Biológicas (Botânica)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; (Orientador);

Andrea Ferreira da Costa

Revisão taxonômica do complexo Vriesea procera (Tillandsioideae, Bromeliaceae); 2014; Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas (Botânica)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Andrea Ferreira da Costa;

Andrea Ferreira da Costa

Bromeliaceae organensis; 2012; Iniciação Científica - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Andrea Ferreira da Costa;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • KESSOUS, IGOR MUSAUER ; COUTO, DAYVID RODRIGUES ; URIBBE, FERNANDO PÉREZ ; COSTA, ANDREA FERREIRA DA . New records of Vriesea agostiniana E.Pereira, and Vriesea saltensis Leme & L. Kollmann (Bromeliaceae, Tillandsioideae) from southeastern Brazil. CHECK LIST, JOURNAL OF SPECIES LIST AND DISTRIBUTION , v. 14, p. 37-41, 2018.

  • COUTO, DAYVID RODRIGUES ; URIBBE, FERNANDO PEREZ ; JACQUES, SUARA S.A. ; FRACISCO, TALITHA MAYUMI ; LOPES, ROSANA C. . Vascular epiphytes in the Grumari restinga, RJ: floristic and similarities between restingas in Eastern Brazil. Rodriguesia , v. 68, p. 337-346, 2017.

  • NEVES, BEATRIZ ; URIBBE, FERNANDO PÉREZ ; JACQUES, SUARA SOUZA ALMEIDA ; PAIXÃO-SOUZA, BRUNO ; MOURA, RICARDO LOYOLA DE ; BARROS, ANA ANGÉLICA MONTEIRO DE ; COSTA, ANDREA FERREIRA DA . Aechmea e gêneros relacionados (Bromelioideae, Bromeliaceae) no Parque Nacional da Serra dos Órgãos, Rio de Janeiro, Brasil. Rodriguésia (Online) , v. 66, p. 555-570, 2015.

  • COSTA, A.F. ; GOMES-DA-SILVA, J. G. ; NEVES, B.F.S. ; URIBBE, F. P. ; MOURA, R. . Importância das Coletas Florísticas para o IFFSC. In: Andrea Ferreira da Costa. (Org.). Bromeliaceae. 1ed.Blumenau: Editora da FURB, 2013, v. 1, p. 290-294.

  • NEVES, B.F.S. ; URIBBE, F. P. ; JACQUES, S.S.A. ; PAIXAO-SOUZA, B. ; MOURA, R. ; COSTA, A.F. . Aechmea and allied genera (Bromelioideae, Bromeliaceae) from Serra dos Órgãos National Park, Rio de Janeiro, Brazil.. In: 1st World Congress on Bromeliaceae Evolution (1st BromEvo), 2015, Recife. Anais do 1st World Congress on Bromeliaceae Evolution (1st BromEvo), 2015.

  • COSTA, A.F. ; MOURA, R. ; GOMES-DA-SILVA, J. G. ; NEVES, B.F.S. ; URIBBE, F. P. . Taxonomic Revision of Vriesea Lindley (Tillandsioideae, Bromeliaceae): A Long Term Project. In: In: MONOCOTS V: 5th International Conference on Comparative Biology of Monocotyledons, 2013, New York. MONOCOTS V: 5th International Conference on Comparative Biology of Monocotyledons, Abstracts, 2013. v. 1. p. 173-174.

  • COSTA, A.F. ; GOMES-DA-SILVA, J. G. ; NEVES, B.F.S. ; URIBBE, F. P. ; MOURA, R. . Bromeliáceas de Santa Catarina Revisitadas. In: 63 Congresso Nacional de Botânica, 2012, Joinvile. Anais do 63 Congresso Nacional de Botânica, 2012.

  • COSTA, A.F. ; URIBBE, F. P. ; NEVES, B.F.S. ; JACQUES, S.S.A. ; Sampaio, R.O.S. . Bromeliaceae organensis. In: 62 Congresso Nacional de Botânica, 2011, Fortaleza. Anais do 62 Congresso Nacional de Botânica, 2011.

  • PINTO, M. P. C. ; Lima, F.C. ; URIBBE, F. P. ; JASCONE, C. E. . Levantamento dos typus de Woodsiaceae (Monilophyta) do Herbrarium Bradeanum (HB). In: 58º Congresso Nacional de Botânica, 2007, Natal-RN. Anais do 58º Congresso Nacional de Botânica, 2007.

  • URIBBE, F. P. ; Lima, F.C. ; PINTO, M. P. C. ; JASCONE, C. E. . Levantamento dos typus de Anemiaceae (Monilopyta) do Herbarium Bradeanum (HB). In: 58º Congresso Nacional de Botânica, 2007, Natal-RN. Anais do 58º Congresso Nacional de Botânica, 2007.

  • URIBBE, F. P. ; PINTO, M. P. C. ; Lima, F.C. ; JASCONE, C. E. . Levantamento dos typus de Cyatheaceae (Monilophyta) do Herbarium Bradeanum (HB). In: 58º Congresso Nacional de Botânica, 2007, Natal-RN. Anais do 58º Congresso Nacional de Botânica, 2007.

  • PINTO, M. P. C. ; Lima, F.C. ; URIBBE, F. P. ; JASCONE, C. E. . Levantamento dos typus de Blechnaceae (Pteridophyta) do Herbarium Bradeanum (HB). In: 58º Congresso Nacional de Botânica, 2007, Natal-RN. Anais do 58º Congresso Nacional de Botânica, 2007.

  • NEVES, B.F.S. ; URIBBE, F. P. ; JACQUES, S.S.A. ; ZANELLA, C. M. ; Andrea Ferreira da Costa . Species Boundaries in the Vriesea incurvata (Bromeliaceae) Complex After a Broad Morphometric and Taxonomic Study. SYSTEMATIC BOTANY , 2018.

  • BFG - The Brazilian Flora Group ; URIBBE, F. P. . Brazilian Flora 2020: Innovation and collaboration to meet Target 1 of the Global Strategy for Plant Conservation (GSPC). Rodriguesia , 2018.

  • NEVES, B.F.S. ; URIBBE, F. P. ; MOURA, R. ; PAIXAO-SOUZA, B. ; BARROS, A. A. ; JACQUES, S.S.A. ; COSTA, A.F. . Aechmea and allied genera (Bromelioideae, Bromeliaceae) from Serra dos Órgãos National Park, Rio de Janeiro, Brazil.. 2015. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • URIBBE, F. P. ; NEVES, B.F.S. ; JACQUES, S.S.A. ; Andrea Ferreira da Costa . Morphological variation in Vriesea procera (Mart. ex Schult. & Schult. f.) Wittm. (Bromeliaceae, Tillandsioideae). 2015. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • KOSCHNITZKE, C. ; PIRES, A. C. M. ; URIBBE, F. P. ; PINTO, L. J. S. ; SILVA, I. C. ; SILVA, A. G. O. . Conservação ex situ de Plantas Nativas em Áreas Verdes Urbanas: Será que existem polinizadores para elas?. 2014. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • COSTA, A.F. ; GOMES-DA-SILVA, J. G. ; URIBBE, F. P. ; NEVES, B.F.S. ; MOURA, R. . Bromeliáceas de Santa Catarina Revisadas. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • URIBBE, F. P. ; COSTA, A.F. . Aechmea Ruiz. Pav. no Parque Nacional da Serra dos Orgãos. 2012. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • URIBBE, F. P. ; COSTA, A.F. ; NEVES, B.F.S. ; JACQUES, S.S.A. ; Sampaio, R.O.S. . Bromeliaceae Organensis. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • COSTA, A.F. ; URIBBE, F. P. ; NEVES, B.F.S. ; JACQUES, S.S.A. ; Sampaio, R.O.S. . Bromeliaceae Organensis. 2011. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • JASCONE, C. E. ; URIBBE, F. P. ; Lima, F.C. ; GUIMARAES, E.F. . PTERIFLORA DA BARRAGEM DE SARACURUNA, RIO DE JANEIRO. 2007. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • PINTO, M. P. C. ; Lima, F.C. ; URIBBE, F. P. ; JASCONE, C. E. . LEVANTAMENTO DO TYPUS DE Blechnaceae (Pteridophyta) DO HERBARIUM BRADEANUM(HB). 2007. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • JASCONE, C. E. ; URIBBE, F. P. ; Lima, F.C. . A COLEÇÃO DE Marattiaceae (Pteridophyta) NO HERBARIUM BRADEANUM(HB). 2007. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • URIBBE, F. P. ; Lima, F.C. ; PINTO, M. P. C. ; JASCONE, C. E. . LEVANTAMENTO DO TYPUS DE Anemiaceae (Monilophyta) DO HERBARIUM BRADEANUM(HB). 2007. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • URIBBE, F. P. ; PINTO, M. P. C. ; Lima, F.C. ; JASCONE, C. E. . LEVANTAMENTO DO TYPUS DE Cyatheaceae (Monilophyta) DO HERBARIUM BRADEANUM(HB). 2007. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • PINTO, M. P. C. ; Lima, F.C. ; URIBBE, F. P. ; JASCONE, C. E. . LEVANTAMENTO DO TYPUS DE Woodsiaceae (Monilophyta) DO HERBARIUM BRADEANUM(HB). 2007. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

URIBBE, F. P. . Projeto Práticas Ambientais em Picinguaba: Prática de Manguezal. 2011. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2017 - Atual

    Diversificação e evolução da Subtribo Vrieseinae (Tillandsioideae, Bromeliaceae), Descrição: Dando continuidade à linha de pesquisa em Sistemática de Bromeliaceae, a presente proposta tem como objetivo geral o estudo da evolução e diversificação da Subtribo Vrieseinae (Tillandsioideae) através de abordagens em diferentes níveis taxonômicos e diferentes metodologias. Será realizada uma análise biogeográfica datada da subtribo e a reconstrução dos estados ancestrais de caracteres selecionados, sendo esta a primeira análise deste tipo para Tillandsioideae. Os resultados moleculares obtidos pela equipe nos últimos quatro anos são a base desta análise (cpDNA matK, rps16-trnK e nDNA PHYC). Ainda que os clados genéricos da subtribo tenham apresentado alto suporte, o clado que apresenta as espécies de Vriesea da linhagem brasileira não apresentou resolução interna demonstrando que ainda são necessários esforços na busca de marcadores mais informativos que possam elucidar a história evolutiva deste grupo de espécies de radiação muito recente. Neste sentido está sendo proposta uma análise do gênero com base na técnica de ?restriction site associated DNA sequencing? (Rad-seq), a qual tem se destacado mostrando alto potencial de resolução em estudos com complexos de espécies e espécies relacionadas. Com o objetivo de se conhecer os processos evolutivos como especiação e hibridização na subtribo, estão sendo propostas análises de estruturação e diversidade genética em populações de espécies selecionadas de Stigmatodon e em comunidades de espécies de Vriesea com histórico de hibridação. Tais análises serão realizadas com marcadores microssatélites plastidiais e nucleares. Dados da anatomia foliar de representantes da subtribo Vrieseinae serão gerados para elaborar, uma matriz com caracteres morfológicos selecionados a ser utilizada em futuras análises filogenéticas do grupo. Por fim, será dada continuidade às revisões taxonômicas de pequenos grupos de espécies nas subfamílias Tillandsioideae, Bromelioideae e Pitcairnioideae. Este projeto conta com a colaboração de oito estudantes de pós-graduação e nove pesquisadores de sete instituições, entre elas duas europeias. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Fernando Pérez Uribbe - Integrante / Andrea Ferreira da Costa - Coordenador / NEVES, BEATRIZ - Integrante / PAIXÃO-SOUZA, BRUNO - Integrante / MOURA, RICARDO LOYOLA DE - Integrante / COUTO, DAYVID RODRIGUES - Integrante / JACQUES, SUARA S.A. - Integrante / KESSOUS, IGOR MUSAUER - Integrante / Camila Martini Zanella - Integrante / Fabiano Salgueiro - Integrante / Leandro Cardoso Pederneiras - Integrante / Christian Gomes de Faria - Integrante / Alexandre Antonelli - Integrante / Christine Bacon - Integrante / Michael Barfuss - Integrante / Fernanda Bered - Integrante.

  • 2016 - Atual

    Flora do Brasil Online 2020, Descrição: Em 2010, a Lista de espécies de Plantas e Fungos do Brasil (Lista do Brasil) disponibilizou pela primeira vez uma enumeração das espécies da flora brasileira, um grande passo para contribuir com o conhecimento de nossa biodiversidade, coincidindo com o compromisso assumido frente à GSPC (Estratégia Global para a Conservação de Plantas), confirmando que o Brasil possui a maior diversidade e endemismo vegetal e de fungos do mundo. Organizando e conferindo dados fornecidos eletronicamente, até 2015 mais de 500 cientistas participaram de atualizações anuais desta lista dinâmica. A projeto Lista do Brasil foi encerrado em 2015 com a publicação do volume 66 da revista Rodriguésia, onde uma grande sintese do conhecimento das plantas, algas e fungos do Brasil é apresentada. Uma das metas da GSPC para 2020 é a compilação da Flora Mundial. O presente projeto visa agilizar a sistematização e descrição das plantas e fungos atualmente descritos e confirmados na Lista do Brasil, possibilitando identificação e comparação acuradas e o refinamento dos conceitos de espécie existentes no momento. O projeto Flora do Brasil 2020 irá atender demandas internas, fornecendo informação sobre plantas ameaçadas para planos de ação, bem como sua presença e caracterização em áreas protegidas, e fundamentar o conhecimento dos usos de espécies de plantas como outras fontes alternativas de alimento, combustível e outros materiais. Busca-se incrementar de forma dinâmica uma base de conhecimento de alta qualidade, integrando pesquisadores do Brasil e do mundo, e disponibilizá-lo eletronicamente, facilitando o acesso e projetando um avanço científico na área de taxonomia. Assim como na Lista do Brasil, a liderança brasileira poderá ser adotada como exemplo por outros países megadiversos comprometidos com metas internacionais semelhantes. Responsável pelos gêneros:Guzmania e Vriesea (Bromeliaceae).. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Fernando Pérez Uribbe - Coordenador / BFG - The Brazilian Flora Group - Integrante.

  • 2016 - Atual

    Modelagem e Conservação de Bromeliaceae no Estado do Rio de Janeiro, Descrição: A Mata Atlântica cobria uma área de aproximadamente 1.400.000km² e estendia-se por uma larga faixa latitudinal ao longo da costa brasileira, do Rio Grande do Norte ao Rio Grande do Sul. Os sucessivos ciclos econômicos e a contínua expansão da população humana na região durante os últimos cinco séculos comprometeram seriamente a integridade ecológica dos ecossistemas singulares da Mata Atlântica. A família Bromeliaceae apresenta no Domínio da Mata Atlântica um dos seus principais centros de endemismo e diversidade. A modelagem de distribuição geográfica preditiva de espécies, baseada em conceitos de nicho ecológico, tem se destacado como importante instrumento de análise para dar suporte as políticas de conservação e auxiliar na determinação de áreas prioritárias para conservação, sendo possível gerar mapas que indicam a provável presença e, ou ausência de uma espécie, em função de variáveis ambientais relevantes para essa distribuição. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Fernando Pérez Uribbe - Integrante / Andrea Ferreira da Costa - Coordenador., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.

  • 2014 - Atual

    Levantamento das espécies vegetais e animais do Horto Botânico do Museu Nacional (UFRJ), Descrição: Apesar de ser uma instituição antiga, o Horto Botânico do Museu Nacional não apresenta nenhum registro oficial de espécies existentes em suas dependências. Atualmente só existe uma simples listagem, feita em 1997, com a relação do nome de espécies. Este trabalho visa atualizar esta listagem acrescentando dados de número de indivíduos de cada espécie e sua localização nos canteiros. O objetivo é conhecer a atual situação para futuro manejo e atividades didáticas... , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Fernando Pérez Uribbe - Integrante / Cristiana Koschnitzke - Coordenador / Débora Medeiros - Integrante / Luiz José Soares Pinto - Integrante.

  • 2014 - Atual

    REFLORA - Herbário Virtual, Herbário W., Descrição: O Projeto visa a digitalização das coleções brasileiras depositadas no Herbário W do Museu de História Natural de Viena, Áustria. Visa construir um Herbário Virtual de acesso público, abrangendo as amostras coletadas no território brasileiro, nos séculos 18, 19 e 20.. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Fernando Pérez Uribbe - Coordenador / Rafaela Campostrini Forzza - Integrante / Heimo Rainer - Integrante / Rubens Luiz Gayoso Coelho - Integrante.

  • 2012 - Atual

    Herbário do Museu Nacional: 180 anos de história e ciência, Descrição: O Herbário do Museu Nacional foi fundado em 1831, sendo o primeiro herbário do Brasil. Ao longo de sua existência acumulou um acervo estimado em 550.000 exemplares, os quais são representativos de todos os biomas brasileiros. Além da sua vasta coleção histórica são incorporados anualmente os testemunhos das pesquisas dos docentes do Departamento de Botânica e alunos do Programa de Pós-graduação em Ciências Biológicas (Botânica) do Museu Nacional. Os objetivos do projeto estão estruturados em metas de curto, médio e longo prazos que envolvem restauração do material, informatização e disponibilização dos dados, ampliação do espaço físico, digitalização de imagens, incremento de novas coletas no acervo, plano de intercâmbio (empréstimos, visitação de especialistas e permutas), e a formação de recursos humanos em taxonomia vegetal e curadoria de coleções. A restauração e informatização do material garantirão sua integridade física e divulgação taxonomicamente acurada, propiciando a construção do conhecimento sobre biodiversidade e ampliando as possibilidades de parcerias com pesquisadores de outras áreas e instituições. Além disso, garantirá o uso de dados sobre a biodiversidade na elaboração e na implementação de diferentes ações, facilitando e integrando a informação sobre o tema na tomada de decisão e nos processos de desenvolvimento de políticas públicas. Os dados de 3,2% do acervo já estão disponíveis no sítio do SpeciesLink (splink.cria.org.br), como um dos resultados da participação do Herbário do Museu Nacional no INCT- Herbário Virtual da Flora e dos Fungos do Brasil, desde 2009 (http://inct.florabrasil.net/). A coleção de tipos nomenclaturais está 90% restaurada, informatizada e digitalizada como resultado do apoio da Fundação Mellon, no âmbito do Global Plant Iniciative. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Fernando Pérez Uribbe - Integrante / Andrea Ferreira da Costa - Coordenador / Vera Lúcia Campos Martins - Integrante / Ruy José Válka Alves - Integrante / Jorge Fontella Pereira - Integrante / Mariângela Menezes - Integrante / Luci de Senna-Valle - Integrante / Claudia Petean Bove - Integrante.

  • 2012 - Atual

    Sistemática e Conservação de Bromeliaceae, Descrição: As Bromeliaceae são um dos mais expressivos componentes das formações vegetais neotropicais. Seus 56 gêneros e 3086 espécies encontram-se distribuídos em dois principais centros de diversidade: a costa leste do Brasil e o escudo das Guianas. No domínio atlântico foram inventariadas 802 espécies subordinadas a 31 gêneros, sendo aí endêmicos 653 (81,4%) e 10 (32,2%) táxons respectivamente. Em todos os ambientes que ocorrem é inequívoca sua importância ecológica enquanto amplificadoras da biodiversidade. Desta forma, os remanescentes florestais no sul e sudeste brasileiros (incluindo o sul da Bahia) passam a ser as regiões depositárias do mais expressivo número de gêneros e espécies da família. Desde a publicação da monografia de Smith & Downs para a Flora Neotropica diversas mudanças taxonômicas foram realizadas na família em todos os níveis, desde a publicação de novas espécies e realinhamento de gêneros, e na circusncrição das subfamílias. Diversos grupos de pesquisa brasileiros vem se dedicando ao estudo das espécies de Bromeliaceae tanto na revisão taxonômica de gêneros e subgêneros, como no estudo de floras regionais. Ambas as abordagens tem fornecido importante contribuição ao conhecimento da morfologia e da taxonomia da família, além de subsidiar trabalhos de filogenia no grupo. Neste contexto, as pesquisas em Sistemática e Conservação de Bromeliaceae tem como objetivo desenvolver estudos florísticos em áreas do domínio atlântico (Serra dos Órgãos e Inselbergs do Município do Rio de Janeiro) e realizar revisões taxonômicas em complexos de espécies do gênero Vriesea.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Fernando Pérez Uribbe - Integrante / Andrea Ferreira da Costa - Coordenador / Beatriz Neves Ferreira Da Silva - Integrante / Suara Souza Almeida Jacques - Integrante / Janaina Gomes da Silva - Integrante / Ricardo Loyola de Moura - Integrante / Luis Fernando Gonçalves - Integrante / Igor Kessous - Integrante.

  • 2010 - Atual

    Bromeliaceae Organensis, Descrição: A região da Serra dos Órgãos atraiu a atenção de grandes naturalistas do passado por sua vegetação exuberante e por sua rica flora. Localizado entre os municípios fluminenses de Guapimirim, Magé, Petrópolis e Teresópolis o PARNASO guarda em seus domínios o trecho mais escarpado de toda a Serra do Mar. O parque é coberto por florestas montanas, alto-montanas e, com destaque, pelos campos de altitude. As Bromeliaceae são um dos mais expressivos componentes das formações vegetais neotropicais e os remanescentes florestais no sul e sudeste brasileiros (incluindo o sul da Bahia) são as regiões depositárias do mais expressivo número de gêneros e espécies da família, a qual aparece entre as mais ricas em inventários florísticos que incluem ervas. O projeto Bromeliaceae organensis objetiva gerar uma lista das Bromeliaceae ocorrentes no PARNASO, fornecendo informações sobre a distribuição geográfica das espécies, sua distribuição nas diferentes regiões, fitofisionomias e gradiente altitudinal do parque, além do tratamento taxonômico das espécies... , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Fernando Pérez Uribbe - Integrante / Andrea Ferreira da Costa - Coordenador / Beatriz Neves Ferreira Da Silva - Integrante / Suara Souza Almeida Jacques - Integrante / Rafael Sampaio Octaviano De Sousa - Integrante / Janaina Gomes da Silva - Integrante / Ricardo Loyola de Moura - Integrante / Luis Fernando Gonçalves - Integrante / Igor Kessous - Integrante.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Prêmios

2012

Prêmio de Honra ao trabalho Aechmea Ruiz. Pav. no Parque Nacional da Serra dos Orgãos na XXXIV Jornada Giulio Massarani de Iniciação Cientifica, UFRJ.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2016 - Atual

    Universidade Federal do Rio de Janeiro

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista Doutorado

  • 2016 - Atual

    Instituto de Pesquisa Jardim Botânico do Rio de Janeiro

    Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Colaborador Flora do Brasil

  • 2014 - Atual

    Instituto de Pesquisa Jardim Botânico do Rio de Janeiro

    Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Colaborador Reflora

  • 2012 - 2014

    Museu Nacional/UFRJ

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Aluno de Mestrado, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

  • 2011 - 2012

    Museu Nacional/UFRJ

    Vínculo: Bolsista de IC, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 20

  • 2009 - 2009

    Colégio Cruzeiro

    Vínculo: Estágio Supervisionado, Enquadramento Funcional: Estagiário

  • 2009 - 2009

    Colégio Estadual Professor José de Souza Herdy

    Vínculo: Estágio Supervisionado, Enquadramento Funcional: Estagiário

  • 2007 - 2008

    Herbarium Bradeanum

    Vínculo: Estagiário, Enquadramento Funcional: Estagiário de iniciação científica, Carga horária: 20

    Outras informações:
    Manutenção de coleção botânica; Análise taxonômica de pteridófita; Atividades de campo.

  • 2008 - 2008

    Parque Natural Municipal da Freguesia

    Vínculo: Estágio, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 20

    Outras informações:
    Educação Ambiental;

  • 2009 - 2011

    Universidade do Grande Rio

    Vínculo: Monitor Projeto BioNaTrilha, Enquadramento Funcional: Monitor, Carga horária: 10

  • 2009 - 2010

    Universidade do Grande Rio

    Vínculo: Monitoria Fisiologia Vegetal, Enquadramento Funcional: Monitor, Carga horária: 10

  • 2009 - 2010

    Universidade do Grande Rio

    Vínculo: Monitor Projeto Pinciguaba, Enquadramento Funcional: Supervisor de grupo, Carga horária: 100

  • 2009 - 2011

    Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia

    Vínculo: Estágio, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 30

    Outras informações:
    Educação Ambiental; Ações de conservação de biodiversidade; Ações de Gestão Ambiental;

  • 2014 - 2015

    Natural History Museum Vienna

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Pesquisador, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Atuando na digitalização das coleções brasileiras depositadas no Herbário W do Museu de História Natural de Viena, Áustria, para o Projeto REFLORA - Herbário Virtual. Sob a coordenação da da Profa. Dra. Rafaela Campostrini Forzza, o projeto visa construir um Herbário Virtual de acesso público, abrangendo as amostras coletadas no território brasileiro, nos séculos 18, 19 e 20.