Joseane Dunga da Costa

Possui graduação em Engenharia Agrícola e Ambiental pela Universidade Federal Rural do Semi-Árido, Mestrado em Engenharia sanitária pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte e Doutorado em Manejo de Solo e Água pela Universidade Federal Rural do Semi-Árido. Atualmente é Professora da Universidade Federal Rural do Semi-Árido - Campus Pau dos Ferros. Seus interesses em pesquisa incluem: Ciência do solo, Ciências ambientais e Saneamento.

Informações coletadas do Lattes em 26/06/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em MANEJO DE SOLO E ÁGUA

2015 - 2018

Universidade Federal Rural do Semi-Árido
Título: CARACTERIZAÇÃO, CLASSIFICAÇÃO E APTIDÃO AGRÍCOLA DE SOLOS EM PROJETO DE ASSENTAMENTO NA CHAPADA DO APODI, RN
Jeane Cruz Portela. Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Palavras-chave: Processos pedogenéticos; Calcário Jandaíra; Potencial das terras; Planejamento agroambiental.

Mestrado em Engenharia Sanitária

2013 - 2015

Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Título: EVOLUÇÃO ESPAÇO-TEMPORAL EM ZONAS URBANAS COSTEIRAS,Ano de Obtenção: 2015
Ricardo Farias do Amaral.Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.

Graduação em Engenharia Agricola e Ambiental

2008 - 2012

Universidade Federal Rural do Semi-Árido
Título: Uso de geotecnologias para delimitação e análise espacial da área de preservação permanente do rio Apodi-Mossoró.
Orientador: Paulo César Moura da Silva

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2020 - 2020

Orientações para tratamento estatístico de dados: Análise Multivariada. (Carga horária: 8h). , Universidade Federal Rural do Semi-Árido, UFERSA, Brasil.

2020 - 2020

Ação de Extensão DIA D CAMPUS- PARTE 1. (Carga horária: 8h). , Universidade Federal Rural do Semi-Árido, UFERSA, Brasil.

2019 - 2019

RODA DE CONVERSA: DESAFIOS DO CUIDADO COM A SAÚDE MENTAL E QUALIDADE DE VID. (Carga horária: 2h). , Universidade Federal Rural do Semi-Árido, UFERSA, Brasil.

2019 - 2019

Minicurso 05: Estatística na Sala de Aula - Prática de Conceitos. (Carga horária: 4h). , Universidade Federal Rural do Semi-Árido, UFERSA, Brasil.

2019 - 2019

Oficina 7 - Sigaa na Prática. (Carga horária: 4h). , Universidade Federal Rural do Semi-Árido, UFERSA, Brasil.

2019 - 2019

Encontro de Formação Docente Sistema SIGAA: funcionalidades e importância. (Carga horária: 4h). , Universidade Federal Rural do Semi-Árido, UFERSA, Brasil.

2019 - 2019

Formação de facilitadores de aprendizagem. (Carga horária: 40h). , Escola Nacional de Administração Pública, ENAP, Brasil.

2019 - 2019

Encontro de Formação Docente Planejamento de ensino: algumas reflexões. (Carga horária: 4h). , Universidade Federal Rural do Semi-Árido, UFERSA, Brasil.

2017 - 2017

Extensão universitária em Estágio docência II - Doutorado. (Carga horária: 60h). , Universidade Federal Rural do Semi-Árido, UFERSA, Brasil.

2016 - 2016

Introdução ao Geoprocessamento utilizando o software livre QGIS. (Carga horária: 24h). , Universidade Federal Rural do Semi-Árido, UFERSA, Brasil.

2016 - 2016

Compostagem de resíduos biodegradáveis na produção de alimentos em pequenos. (Carga horária: 6h). , Universidade Federal Rural do Semi-Árido, UFERSA, Brasil.

2015 - 2015

Extensão universitária em Estágio docência I - Doutorado. (Carga horária: 60h). , Universidade Federal Rural do Semi-Árido, UFERSA, Brasil.

2015 - 2015

Geoprocessamento Aplicado ao Mapeamento Ambiental. (Carga horária: 20h). , Universidade Federal Rural do Semi-Árido, UFERSA, Brasil.

2015 - 2015

PLANEJAMENTO E GESTÃO DE RECURSOS HÍDRICOS. (Carga horária: 10h). , Universidade Federal Rural do Semi-Árido, UFERSA, Brasil.

2014 - 2014

Extensão universitária em ESTÁGIO À DOCÊNCIA. (Carga horária: 45h). , Universidade Federal do Rio Grande do Norte, UFRN, Brasil.

2014 - 2014

Curso: Monitor. da Qualidade da água de Rios e Res. (Carga horária: 40h). , Agência Nacional de Águas, ANA, Brasil.

2014 - 2014

Curso Caminho das Águas. (Carga horária: 40h). , Agência Nacional de Águas, ANA, Brasil.

2013 - 2014

Extensão universitária em Iniciação à Docência. (Carga horária: 45h). , Universidade Federal do Rio Grande do Norte, UFRN, Brasil.

2013 - 2014

MyEnglishOnline Nível 1. , Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.

2013 - 2014

Inglês para Fins Acadêmicos nível I e II. (Carga horária: 120h). , Instituto Ágora, ÁGORA, Brasil.

2013 - 2013

Extensão universitária em Laboratório de Estudos Geoambientais. , Universidade Federal do Rio Grande do Norte, UFRN, Brasil.

2013 - 2013

Extensão universitária em MÉTODO LÓGICO PARA REDAÇÃO CIENTÍFICA... POR QUE SEU ARTIGO FOI NEGADO?. (Carga horária: 16h). , Universidade Federal do Rio Grande do Norte, UFRN, Brasil.

2012 - 2012

Extensão universitária em Mini-curso Sensoriamento Remoto. (Carga horária: 12h). , Universidade Federal Rural do Semi-Árido, UFERSA, Brasil.

2012 - 2012

Extensão universitária em Estágio extracurricular. (Carga horária: 924h). , PETROBRAS/Geodésia UO-RNCE, BR/GDS/UO-RNCE, Brasil.

2012 - 2012

Extensão universitária em Mesa Redonda: Tratamento de Resíduos na UFERSA. (Carga horária: 4h). , Universidade Federal Rural do Semi-Árido, UFERSA, Brasil.

2012 - 2012

Extensão universitária em Palestra de Empreendedorismo. (Carga horária: 3h). , Universidade Federal Rural do Semi-Árido, UFERSA, Brasil.

2012 - 2012

Primeiros Socorros. (Carga horária: 8h). , Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial - RN, SENAC MOSSORÓ, Brasil.

2012 - 2012

CBASI. (Carga horária: 8h). , SEGURA Serviços especializados, SEGURA, Brasil.

2012 - 2012

EDUCAÇÃO AMBIENTAL. (Carga horária: 14h). , SENAI - Departamento Regional do Rio Grande do Norte, SENAI/ DR/RN, Brasil.

2011 - 2011

Extensão universitária em I Encontro de Recuperação de Áreas Degradadas. (Carga horária: 8h). , Universidade Federal Rural do Semi-Árido, UFERSA, Brasil.

2011 - 2011

Extensão universitária em Programa Conexões de Saberes. (Carga horária: 700h). , Universidade Federal Rural do Semi-Árido, UFERSA, Brasil.

2011 - 2011

Extensão universitária em Segurança Alimentar. (Carga horária: 4h). , Universidade Federal de Campina Grande, UFCG, Brasil.

2011 - 2011

Extensão universitária em Formação Inicial do Programa Conexões de Saberes. (Carga horária: 8h). , Universidade Federal Rural do Semi-Árido, UFERSA, Brasil.

2011 - 2011

Extensão universitária em Jardinagem e Paisagismo para o Semiárido. (Carga horária: 16h). , Universidade Federal Rural do Semi-Árido, UFERSA, Brasil.

2011 - 2011

Extensão universitária em Técnicas de Restauração Florestal em Ár. Degradada. (Carga horária: 4h). , Universidade Federal de Campina Grande, UFCG, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Bandeira representando o idioma Inglês

Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.

Bandeira representando o idioma Espanhol

Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.

Bandeira representando o idioma Português

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

Grande área: Ciências Agrárias / Área: Engenharia Agrícola.

Grande área: Outros / Área: Ciências Ambientais.

Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

COSTA, J. D. . IV Semana de Ciência e Tecnologia do Semiárido: IV UFERSA PORTAS ABERTAS. 2019. .

COSTA, J. D. . I Congresso de Agroecologia do Semiárido. 2015. (Congresso).

COSTA, J. D. . VII Simpósio Brasileiro sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável do Semiárido. 2015. (Outro).

COSTA, J. D. . II Semana de Engenharia Agrícola e Ambiental. 2012. (Outro).

COSTA, J. D. . XXIV CONEEAGRI / I SEEAGRI. 2010. (Congresso).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

II SEMANA DAS ENGENHARIAS AMBIENTAL E CIVIL - II SEAC.II SEMANA DAS ENGENHARIAS AMBIENTAL E CIVIL - II SEAC. 2019. (Outra).

IV Semana de Ciência e Tecnologia do Semiárido.Ciência do Solo. 2019. (Outra).

VI Congresso Nacional de Educação Ambiental & VIII Encontro Nordestino de Biogeografia. Uso de Geotecnologias para Delimitação e Análise Espacial da Área de Preservação Permanente do Rio Apodi-Mossoró. 2019. (Congresso).

V Seminário de Boas Práticas Administrativas da UFERSA.Seminário de Boas Práticas Administrativas da UFERSA. 2019. (Seminário).

II Simpósio de Manejo de Solo e Água.Qualidade física de Cambissolos sob diferentes usos na Chapada do Apodi. 2017. (Simpósio).

II SIMPÓSIO DE MANEJO DE SOLO E ÁGUA. 2017. (Simpósio).

II SIMPÓSIO DE MANEJO DE SOLO E ÁGUA.DISTRIBUIÇÃO DO TAMANHO DAS PARTÍCULAS E CARBONO ORGÂNICO TOTAL EM CLASSES DE SOLOS. 2017. (Simpósio).

II SIMPÓSIO DE MANEJO DE SOLO E ÁGUA.ARGILA DISPERSA EM ÁGUA E GRAU DE FLOCULAÇÃO EM CAMBISSOLOS EM PROJETO DE ASSENTAMENTO. 2017. (Simpósio).

II SIMPÓSIO DE MANEJO DE SOLO E ÁGUA.ANALISE TEXTURAL E AS INTER-RELAÇÕES COM ATRIBUTOS QUÍMICOS DE SOLOS. 2017. (Simpósio).

II SIMPÓSIO DE MANEJO DE SOLO E ÁGUA.QUALIDADE AMBIENTAL DE CAMBISSOLOS SOB DIFERENTES USOS POR MEIO DA METODOLOGIA PARTICIPATIVA EM PROJETOS DE ASSENTAMENTO NO MUNICÍPIO DE APODI, RN. 2017. (Simpósio).

XXIII Seminário de Iniciação Científica (SEMIC).INFILTRAÇÃO DE ÁGUA EM CAMBISSOLOS NA CHAPADA DO APODI,RN. 2017. (Seminário).

XXIII Seminário de Iniciação Científica (SEMIC).RESISTÊNCIA A PENETRAÇÃO DE RAÍZES E INFILTRAÇÃO DE ÁGUA EM SOLOS NO PROJETO DE ASSENTAMENTO TERRA DE ESPERANÇA. 2017. (Seminário).

XXIII Seminário de Iniciação Científica (SEMIC).ATRIBUTOS QUÍMICOS DE CAMBISSOLOS SOB DIFERENTES USOS NA CHAPADA DO APODI, RN. 2017. (Seminário).

XXIII Seminário de Iniciação Científica (SEMIC).ATRIBUTOS FÍSICOS E QUÍMICOS DE SOLOS SOB DIFERENTES USOS NA CHAPADA DO APODI, RN. 2017. (Seminário).

XXIII Seminário de Iniciação Científica (SEMIC).ATRIBUTOS FÍSICOS DE CAMBISSOLOS SOB DIFERENTES USOS, NA REGIÃO DA CHAPADA DO APODI,RN. 2017. (Seminário).

XXIII Seminário de Iniciação Científica (SEMIC).INFILTRAÇÃO DE ÁGUA EM SOLOS SOB DIFERENTES USOS NA CHAPADA DO APODI-RN. 2017. (Simpósio).

XXXVI Congresso Brasileiro de Ciência do Solo. QUALIDADE ESTRUTURAL DE CAMBISSOLOS SUBMETIDOS A DIFERENTES USOS NA CHAPADA DO APODI/RN. 2017. (Congresso).

XXXVI CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIA DO SOLO. A CONSTRUÇÃO DO SABER SOBRE SOLOS A PARTIR DOS CAMPESINOS DO PROJETO DE ASSENTAMENTO TERRA DE ESPERANÇA, GOVERNADOR DIX SEPT ROSADO, RN. 2017. (Congresso).

III Reunião Nordestina de Ciência do Solo.Caracterização e classificação de solos desenvolvidos de arenitos da Formação Terciário ? RN. 2016. (Outra).

I Simpósio de Manejo de Solo e Água, II Workshop de Manejo de Água de Qualidade Inferior na Agricultura & I Encontro do Projeto Casadinho/PROCAD/CNPq - UFERSA/ESALQ/UFV. 2016. (Simpósio).

XXII Seminário de Iniciação Científica (SEMIC).ATIVIDADES DA FRAÇÃO ARGILA, DISPERSÃO EM ÁGUA E GRAU DE FLOCULAÇÃO DE NEOSOLOS EM TOPOSSEQUÊNCIA NO SEMIÁRIDO POTIGUAR. 2016. (Seminário).

XXII Seminário de Iniciação Científica (SEMIC).ATRIBUTOS ESTRUTURAIS EM CAMBISSOLOS SUBMETIDOS A DIFERENTES USOS AGRÍCOLAS NO SEMIÁRIDO- RN. 2016. (Seminário).

XXII Seminário de Iniciação Científica (SEMIC).ATRIBUTOS FÍSICOS E QUÍMICOS EM NEOSSOLOS SOB USOS AGRÍCOLAS NO SEMIÁRIDO, RN. 2016. (Seminário).

XXII Seminário de Iniciação Científica (SEMIC).CARACTERIZAÇÃO E DESCRIÇÃO ETNOPEDOLÓGICA NO SEMIÁRIDO POTIGUAR. 2016. (Seminário).

XXII Seminário de Iniciação Científica (SEMIC).CARBONO ORGÂNICO E ESTABILIDADE DE AGREGADOS EM CLASSES DE SOLOS NA CHAPADA DO APODI-RN. 2016. (Seminário).

XXII Seminário de Iniciação Científica (SEMIC).INFLUENCIA DA FRAÇÃO ARGILA, SUA DISPERSÃO E GRAU DE FLOCULAÇÃO EM DIFERENTES CLASSES DE SOLOS NO SEMIÁRIDO, RN. 2016. (Seminário).

XXII Seminário de Iniciação Científica da UFERSA. 2016. (Seminário).

I Congresso de Agroecologia do Semiárido e VII Simpósio Brasileiro sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável do Semiárido. AVALIAÇÃO PARTICIPATIVA DA QUALIDADE AMBIENTAL DE UM ARGISSOLO AMARELO NO ASSENTAMENTO MULUNGUZINHO, RN. 2015. (Congresso).

I CONGRESSO DE AGROECOLOGIA DO SEMIÁRIDO E VII SIMPÓSIO BRASILEIRO SOBRE MEIO AMBIENTE E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL DO SEMIÁRIDO. 2015. (Congresso).

XXXV Congresso Brasileiro de Ciência do Solo. 2015. (Congresso).

XXXV CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIA DO SOLO. DENSIDADE DO SOLO E RESISTÊNCIA À PENETRAÇÃO EM UM CAMBISSOLO SOB DIFERENTES USOS AGRÍCOLAS. 2015. (Congresso).

Política e Plano Municipal de Saneamento Básico. 2013. (Oficina).

II Semana de Engenharia Agrícola e Ambiental. 2012. (Outra).

Worshop Biágua Familiar. 2012. (Outra).

I Encontro de Recuperação de Áreas Degradadas do Projeto Caatinga. 2011. (Encontro).

Semana do Engenheiro A grônomo. 2011. (Outra).

SEMINÁRIO ESTADUAL DO PROGRAMA CONEXÕES DE SABERES: DIÁLOGOS ENTRE A AUINIVERSIDADE E AS COMUNIDADES POPULARES "UNIVERSIDADEDE: REFLEXÕES, SABERES E CIDADANIA". 2011. (Seminário).

Seminário Estadual do Programa Conexões de Saberes: Diálogos entre a Universidade e as Comunidades Populares.VULNERABILIDADE SOCIAL E ESTRUTURA DE OPORTUNIDADES: Um estudo de caso de uma escola pública de Mossoró ? RN. 2011. (Seminário).

XXV CONEEAGRI / IV SEEAGRI (Congresso Nacional dos Estudantes de Engenharia Agrícola/Semana dos Estudantes de Engenharia Agrícola). 2011. (Congresso).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

Aluno: Márcio Gleybson da Silva Bezerra

OLIVEIRA, F. H. T.; DIOGENES, T. B. A.;COSTA, J. D.. CRESCIMENTO E ACÚMULO DE NUTRIENTES DO CAPIM-MARANDU E RESPOSTA A DOSES DE NITROGÊNIO E DE FÓSFORO. 2019. Tese (Doutorado em MANEJO DE SOLO E ÁGUA) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

Aluno: Rutilene Rodrigues da Cunha

PORTELA, J. C.; SOUZA, C. M. M.;COSTA, J. D.; BATISTA, R. O.. ETNOPEDOLOGIA E MACRO ARTRÓPODES DO SOLO EM AGROECOSSISTEMAS NO SEMIÁRIDO POTIGUAR. 2019. Tese (Doutorado em MANEJO DE SOLO E ÁGUA) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

Aluno: Phâmella Kalliny Pereira Farias

PORTELA, J. C.; SOUZA, C. M. M.;COSTA, J. D.; LOPES, T. C. S.; SOUZA, R. O.. CARACTERIZAÇÃO, CLASSIFICAÇÃO E AS INTER-RELAÇÕES ENTRE OS ATRIBUTOS DO SOLO EM AGROECOSSISTEMAS, MARTINS-RN.. 2019. Tese (Doutorado em MANEJO DE SOLO E ÁGUA) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

Aluno: Phâmella Kalliny Pereira Farias

PORTELA, J. C.COSTA, J. D.; BATISTA, R. O.; LOPES, T. C. S.. ARTIGO 1: CARACTERIZAÇÃO E CLASSIFICAÇÃO DE SOLOS EM AGROECOSSISTEMAS DO SÍTIO POÇÃO, MARTINS/RN E ARTIGO 2: INFILTRAÇÃO DE ÁGUA EM AGROECOSSISTEMAS DO SÍTIO POÇÃO, MARTINS/RN. 2019. Exame de qualificação (Doutorando em MANEJO DE SOLO E ÁGUA) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

Aluno: Antônio Batista de Queiroz Júnior

BEZERRA, J. M.;COSTA, J. D.; SANTOS, L. A. V.. PROPOSTA DE CENÁRIOS DE GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS NA CIDADE DE ERERÉ-CE. 2020. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Ambiental e Sanitária) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

Aluno: Hérick Claudino Mendes

BEZERRA, J. M.;COSTA, J. D.; ARLINDO, V. J. C.. DIAGNÓSTICO DO GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS EM TABULEIRO DO NORTE ? CE. 2020. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Ambiental e Sanitária) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

Aluno: Sabrina Joyce dos Santos Oliveira

MUNIZ, C. A. S.;COSTA, J. D.; SANTOS, L. A. V.. ADAPTAÇÃO E MONITORAMENTO DE SISTEMAS DE TRATAMENTO DE EFLUENTES DOMÉSTICOS E INDUSTRIAIS VISANDO O REUSO. 2020. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Ambiental e Sanitária) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

Aluno: JOYCE DILIANE TEODORO

MUNIZ, C. A. S.; CARMO, S. K. S.;COSTA, J. D.. PROPOSTA DE PRODUÇÃO MAIS LIMPA EM UMA INDÚSTRIA DE CONFECÇÃO TÊXTIL NO MUNICÍPIO DE PAU DOS FERROS-RN. 2020. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciência e Tecnologia) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

Aluno: Renata Sampaio Freitas

FEITOSA, A. P.; VALONES, G.;COSTA, J. D.. MANEJO DOS RESÍDUOS SÓLIDOS DA AGROINDÚSTRIA: ESTUDO DE CASO EM UMA FÁBRICA DE POLPA DE FRUTAS EM PEREIRO/CE. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Ambiental e Sanitária) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

Aluno: RODRIGO YAGO COSTA CARVALHO

FEITOSA, A. P.; VALONES, G.;COSTA, J. D.. Atividades de educação ambiental como parte do Programa de Educação Ambiental do Parque Municipal Maurício de Oliveira localizado na cidade de Mossoró/RN,. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Ambiental e Sanitária) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

Aluno: THAIS CRISTINA DE SOUZA LOPES

PORTELA, J. C.COSTA, J. D.; COSTA, A. G.; FARIAS, P. K. P.. CARACTERIZAÇÃO SÓCIOAMBIENTAL SOB A ÓTICA DA COMUNIDADE LOCAL: ESTUDO DE CASO NO MUNICÍPIO DE ASSÚ/RN. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Agricola e Ambiental) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

Aluno: Cristovão Montenegro do Nascimento

PORTELA, J. C.; GURGEL, G. C. S.;COSTA, J. D.; FARIAS, P. K. P.; DIAS, P. M. S.. INDICADORES QUALITATIVOS E QUANTITATIVOS PARA AVALIAÇÃO DE SOLOS EM AGROECOSSISTEMAS POR MEIO DE METODOLOGIA PARTICIPATIVA. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

Aluno: Marisa Taís de Oliveira Silva

PORTELA, J. C.; GURGEL, G. C. S.;COSTA, J. D.; FARIAS, P. K. P.. DENSIDADE DO SOLO E RESISTÊNCIA MECÂNICA À PENETRAÇÃO DE CAMBISSOLO EM AGROECOSSISTEMAS NO SEMIÁRIDO POTIGUAR. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciência e Tecnologia) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Ana Kaline da Costa Ferreira

PORTELA, J. C.; ERNERTO SOBRINHO, F.; MELO, S. B.; MARTINS, C. M.;Ferreira, A. K. C.. Classificação e aptidão agrícola de solos em projeto de assentamento na chapada do Apodi/RN. 2018. Tese (Doutorado em Programa de pós graduação em Manejo de Solo e Água) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido..

Roberto Vieira Pordeus

SILVA, Paulo Cesar Moura da; ESPINOLA SOBRINHO, José;PORDEUS, R. V.. Uso de Geotecnologias para a delimitação de análise da área de preservação permanente do rio Apodi-Mossoró. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Agrícola e Ambiental) - Universidade Federal Rural do Semi Árido.

José Espínola Sobrinho

COSTA, J. D.; SILVA, P. C. M.;ESPINOLA SOBRINHO, J.; PORDEUS, Roberto Vieira. Uso de geotecnologias para a delimitação e análise da área de preservação permanente do rio Apodi-Mossoró. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Agrícola e Ambiental) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

Jeane Cruz Portela

PORTELA, JEANE CRUZ; SOBRINHO, F. E.; MARTINS, C. M.; FERREIRA, A. K. C.; MELO, S. B.. Caracterização, classificação e aptidão agrícola de solos em Projeto de Assentamento na Chapada do Apodi, RN. 2018. Tese (Doutorado em Doutorado em Manejo do solo e da água) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

Jeane Cruz Portela

PORTELA, J.CRUZ; SOUZA, C. M. M.; SOBRINHO, F. E.. Caracterização e classificação de solos em Projeto de Assentamento na Chapada do Apodi, RN. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Doutorado em Manejo do solo e da água) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

Carolina Malala Martins

JEANE, CRUZ PORTELA; ERNESTO SOBRINHO, F.;MARTINS, C. M.; FERREIRA, A. K. C.; MELO, STEFESON BEZERRA DE. Caracterização, classificação e aptidão agrícola de solos em projeto de assentamento na Chapada do Apodi, RN. 2018. Tese (Doutorado em MANEJO DE SOLO E ÁGUA) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

Carolina Malala Martins

JEANE, CRUZ PORTELA; BATISTA, RAFAEL OLIVEIRA;MARTINS, C. M.; ERNESTO SOBRINHO, F.. Caracterização e Classificação de Solos em Projeto de Assentamento na Chapada do Apodi, RN. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em MANEJO DE SOLO E ÁGUA) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

María del Pilar Durante Ingunza

AMARAL, Ricardo Farias Do;INGUNZA, Maria del Pilar Durante; FONSECA, V. P.; LIMA, E. R. V.. Evolução espaço-temporal em zonas urbanas costeiras. 2015. Dissertação (Mestrado em Engenharia Sanitária) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

María del Pilar Durante Ingunza

AMARAL, Ricardo Farias Do;INGUNZA, Maria del Pilar Durante; FONSECA, V. P.. Evolução espaço-temporal em zonas urbanas costeiras. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Engenharia Civil) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

Rafael Oliveira Batista

PORTELA, J. C.; SOUZA, C. M. M.;BATISTA, R. O.; ERNESTO SOBRINHO, F.. Exame de qualificação de doutorado. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em MANEJO DE SOLO E ÁGUA) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Orientou

Anderson Rodrigo da Silva Lunes

ANÁLISE DAS ROTAS DE COLETA E TRANSPORTE DE RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS EM PAU DOS FERROS/RN; 2019; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Engenharia Ambiental e Sanitária) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido; Orientador: Joseane Dunga da Costa;

Lílian Cristina Bezerra Magalhães

DIAGNÓSTICO HÍDRICO, CORRELAÇÃO COM DOENÇAS INSETO-VETOR E USO DE INDICADOR DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA EM LOCALIDADES SOCIOECONOMICAMENTE INVERSAS NO SEMIÁRIDO POTIGUAR; 2019; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Engenharia Ambiental e Sanitária) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido; Orientador: Joseane Dunga da Costa;

Maria Liliane de Queiroz Chaves

DETERMINAÇÃO DE INDICADOR DE ESGOTAMENTO SANITÁRIO E CORRELAÇÃO COM PATOLOGIAS FECO-ORAIS: DUAS REALIDADES EM PAU DOS FERROS/RN; 2019; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Engenharia Ambiental e Sanitária) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido; Orientador: Joseane Dunga da Costa;

Sabrina Joyce dos Santos Oliveira

REUSO E/OU APROVEITAMENTO DE ÁGUA EM UNIVERSIDADES PÚBLICAS DO NORDESTE BRASILEIRO; 2019; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Engenharia Ambiental e Sanitária) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido; Orientador: Joseane Dunga da Costa;

Alana Ticiane Alves do Rêgo

LICENCIAMENTO AMBIENTAL DE UM POSTO DE LAVAGEM DE VEÍCULOS NO MUNICÍPIO DE MOSSORÓ/RN; 2019; Orientação de outra natureza; (Engenharia Ambiental e Sanitária) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido; Orientador: Joseane Dunga da Costa;

Anderson Rodrigo da Silva Lunes

ATUALIZAÇÃO DA BASE TERRITORIAL E ATUAÇÃO NA PESQUISA NACIONAL DE SANEAMENTO BÁSICO DO INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA; 2019; Orientação de outra natureza; (Engenharia Ambiental e Sanitária) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido; Orientador: Joseane Dunga da Costa;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

José Espínola Sobrinho

Uso de Geotecnologias para a delimitação e análise da área de preservação permanente do Rio Apodi-Mossoró; 2013; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Engenharia Agrícola e Ambiental) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido; Orientador: Jose Espinola Sobrinho;

Jeane Cruz Portela

Classificação de terras no sistema de capacidade de uso em assentamento rural na Chapada do Apodi, RN; 2018; Tese (Doutorado em Doutorado em Manejo do solo e da água) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Jeane Cruz Portela;

Ricardo Farias do Amaral

Evolução Espaço-Temporal em Zonas Urbanas Costeiras; 2013; Dissertação (Mestrado em Programa de Pós- Graguação em Engenharia Saninária) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Ricardo Farias do Amaral;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • COSTA, J. D. ; PORTELA, J. C. ; FARIAS, P. K. P. ; ERNESTO SOBRINHO, F. ; SOUZA, C. M. M. ; LOPES, T. C. S. ; SILVA, F. W. A. . Characterization and Classification of Soils of the Terra da Esperança Settlement Project in Chapada do Apodi, Brazil. Journal of Agricultural Science , v. 11, p. 1-17, 2019.

  • RIBEIRO, ANA KARENINA FERNANDES DE SOUSA ; PORTELA, JEANE CRUZ ; BATISTA, RAFAEL OLIVEIRA ; SOUZA, CAROLINA MALALA MARTINS ; COSTA, JOSEANE DUNGA DA ; FARIAS, PHÂMELLA KALLINY PEREIRA ; FILHO, TARCÍSIO JOSÉ DE OLIVEIRA . Soil Attributes Using Different Agricultural Use Systems in the Rio Grande do Norte Semiarid, Brazil. Journal of Agricultural Science , v. 10, p. 190, 2018.

  • LOPES, THAIS CRISTINA DE SOUZA ; PORTELA, JEANE CRUZ ; MELO, STEFESON BEZERRA DE ; ÁVILA, THAMIRYS DUARTE ; SILVA, FRANCISCO WELLINGTON ANDRADE DA ; COSTA, JOSEANE DUNGA DA ; SOUZA JÚNIOR, ALDI NESTOR DE . Structural and Chemical Attributes of Soil Inorganic Fractions for Environmental Characterization in the Brazilian Semiarid Region. Journal of Agricultural Science , v. 11, p. 527-537, 2018.

  • NETO, CICERO PEREIRA C. TERCEIRO ; DIAS, NILDO DA SILVA ; GHEYI, HANS RAJ ; MEDEIROS, JOSÉ FRANCISMAR DE ; COSTA, JOSEANE DUNGA DA ; CAMPOS, MARCOS DE SOUZA . Viabilidad económica de la producción de melón regado con agua salina empleando estrategias de manejo. REVISTA DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS (LISBOA) , v. 41, p. 209-217, 2018.

  • FILHO, JERÔNIMO ANDRADE ; DO NASCIMENTO, IARAJANE B. ; DE S. NETO, OSVALDO N. ; DIAS, NILDO DA SILVA ; RIVERA, RENÉ C. ; PORTELA, JEANE CRUZ ; DA-COSTA, JOSEANE DUNGA . Contenido foliar de N, P y K en algodón fertirrigado con efluente de alcantarillado tratado. DYNA (MEDELLÍN) , v. 84, p. 147-154, 2017.

  • JUSSIARA, SONALLY JÁCOME CAVALCANTE ; JEANE, CRUZ PORTELA ; STEFESON, BEZERRA DE MELO ; MIKHAEL, RANGEL DE SOUZA MELO ; CHRISTIANO, REBOUCAS COSME ; JOSEANE, DUNGA DA COSTA ; GABRIELA, CEMIRAMES DE SOUSA GURGEL . Attributes of Neosols associated with agricultural uses in the Semi-arid Region of Rio Grande do Norte, Brazil. Journal of Soil Science and Environmental Management , v. 7, p. 184-190, 2016.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2020 - Atual

    Verificação da viabilidade técnica de melhoria do conforto térmico através de recursos naturais, Descrição: A sensação de desconforto térmico existente nas áreas comuns e áreas de vivência dos prédios da UFERSA de Pau dos Ferros, podem ser amenizadas com a implementação de espécies vegetais amenizando a sensação de calor pré-existente ocasionada pelo fator climático do local, e pela pouca presença de vegetação no campus com a implementação deste recurso natural, e pode ser aferida pela análise do conforto térmico em edificações sob a influência da presença vegetal. Este projeto terá como objetivo principal analisar o conforto térmico nas áreas comuns e áreas de vivência no interior das edificações em condições atuais e comparar com condições posteriores após a implementação de presença vegetal em torno das edificações, utilizando conceitos da NR 17- Ergonomia, NR 15- Atividades e operações insalubres, ABNT NBR 15220-3:2005, Desempenho térmico de edificações - Parte 3: Zoneamento bioclimático brasileiro, ABNT NBR 15575 e outras aplicáveis a verificação de conforto térmico. Apresentar-se-á como objetivos específicos: - Mapear a presença vegetal existente em torno das edificações e quantificá-las relacionando com a área permeável; - Estabelecer e indicar o tipo de vegetação adequado para o local, em conformidade com o estabelecido no projeto de urbanização do Campus Pau dos Ferros. O projeto foi feito pela comissão instituída através da PORTARIA UFERSA/GABINETE N: 0196 de 21 de março de 2016. Serão realizados ajustes necessários para as condições físicas atuais do campus, por comissão de desenvolvimento deste projeto. - Aferir o IBUTG (Índice de Bulbo Úmido Termômetro de Globo) nas edificações atualmente e a cada 3 meses, durante um período de 2 anos; - Verificar as condições de conforto térmico durante cada etapa. - Os produtores da região subsidiarão o desenvolvimento, produção e implementação de mudas e em contrapartida disporão 2 vezes ao mês no centro de convivência da UFERSA seus produtos orgânicos, com o intuito de comercializá-los e incentivar a produção de hortas caseiras a comunidade. - Oportunamente será verificada a possibilidade de implementação de composteira doméstica no restaurante universitária, com o intuito de coletar matéria orgânica para utilizar no desenvolvimento das novas espécies vegetais implementadas no campus.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Joseane Dunga da Costa - Coordenador / JOEL MEDEIROS BEZERRA - Integrante / RAFAELY ANGELICA FONSECA BANDEIRA - Integrante / RICARDO PAULO FONSECA MELO - Integrante / EDUARDO RAIMUNDO DIAS NUNES - Integrante / CLAWSIO ROGERIO CRUZ DE SOUSA - Integrante / PRISCILA SIMEIA DE MELO TEIXEIRA - Integrante / MARIA ARIDENISE MACENA FONTENELLE - Integrante / LUCAS HENRIQUE PEREIRA SANTOS - Integrante / FRANCISCO EDVAR LIMA JÚNIOR - Integrante / RENÊ ALEXSSANDRO BRITO DE SÁ - Integrante / LUCAS REGO DE QUEIROZ - Integrante / LILIA CAROLINE DE MORAIS - Integrante.

  • 2019 - 2020

    Relação das condições de abastecimento de água e a ocorrência de doenças de veiculação hídrica, Descrição: A pesquisa analisa por meio de dados técnicos da secretaria de saúde municipal e da percepção ambiental da população local, a relação das condições de abastecimento de água e a ocorrência de doenças de veiculação hídrica em cidades situadas no semiárido do Nordeste do Brasil.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Joseane Dunga da Costa - Integrante / GABRIELA VALONES RODRIGUES DE ARAUJO - Coordenador / CARLOS EDUARDO FERREIRA ROCHA - Integrante / ALANA TICIANE ALVES DO RÊGO - Integrante / KERLIA ROBERTA DE AQUINO GAMA - Integrante / LÍLIAN CRISTINA BEZERRA MAGALHÃES - Integrante / GUILHERME SILVA AMORIM DOS SANTOS - Integrante / GUSTAVO LEITE GONÇALVES - Integrante.

  • 2019 - 2020

    Catadores de materiais recicláveis em uma cidade semiárida brasileira, Descrição: A pesquisa é um estudo transversal que avalia as condições socioeconômicas e de trabalho de catadores de materiais recicláveis em uma cidade semiárida brasileira, precisamente do município de Pau dos Ferros, localizado no estado do Rio Grande do Norte.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Joseane Dunga da Costa - Integrante / Thais Cristina de Souza Lopes - Integrante / GABRIELA VALONES RODRIGUES DE ARAUJO - Coordenador / ALANA TICIANE ALVES DO RÊGO - Integrante / GUSTAVO LEITE GONÇALVES - Integrante / MANOEL MARIANO NETO DA SILVA - Integrante / LIDIANE ARAÚJO VIEIRA DOS SANTOS - Integrante / FRANCISCO SOARES ROQUE - Integrante / RODRIGO CÂNDIDO PASSOS DA SILVA - Integrante / TALITA TÁSSIA DA COSTA - Integrante / RENATA SAMPAIO FREITAS - Integrante.

  • 2019 - 2020

    Sistemas de tratamento de esgotos de universidades públicas no Brasil, Descrição: O lançamento de efluentes sem um prévio tratamento em corpos de água causa sérios problemas ao meio ambiente. A disposição de efluentes com nutrientes e carga orgânica em excesso, pode dificultar o processo da autodepuração pelos corpos hídricos, ocasionar a eutrofização, depleção de oxigênio e consequências tóxicas e ecológicas para os organismos aquáticos e os seres humanos. O tratamento de efluentes tem a finalidade de cumprir os padrões legais de qualidade, protegendo a saúde pública e o ambiente aquático. As fontes que geram esgotos deveriam comprometer-se com o tratamento de seus efluentes, particularmente as universidades que são locais de desenvolvimento de novas tecnologias e novos conhecimentos. Com isso, o presente estudo busca avaliar os sistemas de tratamento de esgotos de universidades públicas no Brasil, a incluir da Universidade Federal Rural do Semi-Árido, Campus Pau dos Ferros, no estado do Rio Grande do Norte. A pesquisa contará com duas bases de dados, uma primária e outra secundária, sendo cada uma destas demandadas para o alcance dos objetivos específicos da pesquisa. A primeira será gerada a partir dos dados obtidos com o monitoramento da ETE do CMPF/UFERSA. A segunda será composta de informações técnicas acerca do registro, tipologia, caracterização, operações unitárias, nível, técnicas aplicadas e eficiência do tratamento existente nas universidades públicas do país. Espera-se consolidar sistematicamente a informação sobre os sistemas de tratamento de universidade públicas, pois há poucos estudos publicados que tratam da caracterização e quantificação de efluentes de campus universitários.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Joseane Dunga da Costa - Integrante / GABRIELA VALONES RODRIGUES DE ARAUJO - Coordenador / KERLIA ROBERTA DE AQUINO GAMA - Integrante / ALEX PINHEIRO FEITOSA - Integrante / BRUNO DA CUNHA FREIRE - Integrante / MANOEL MARIANO NETO DA SILVA - Integrante.

  • 2019 - Atual

    Macro artrópodes e suas inter-relações com atributos do solo em agroecossistemas no Semiárido Potiguar, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Jeane Cruz Portela em 03/04/2020., Descrição: O interesse atual no estudo sobre os macroartrópodes do solo advém da necessidade do uso sustentável do ambiente e sua capacidade de atuação como indicadores da qualidade do solo, os mesmos são influenciados pelos atributos do solo e estes pelos agroecossistemas, estudando suas inter-relações busca-se subsídios para o planejamento adequado das atividades agrícolas e conservação da capacidade produtiva do solo. Diante do exposto, o estudo terá como objetivo avaliar as relações dos macroartrópodes do solo, associadas aos atributos estruturais e químicos em agroecossistemas, tendo em vista apontar distinção dos ambientes. A pesquisa será realizada na comunidade Piracicaba, município de Upanema-RN, considerando quatro agroecossistemas: mata nativa (área de referência), área de rotação de culturas, pastagem e área de cajueiro. Serão realizadas coletas de amostras indeformadas e deformadas, nas camadas 0,0-0,10, 0,10-0,20 e 0,20-0,30 (m). As amostras indeformadas serão coletadas em três pontos, nas áreas e camadas supracitadas, sendo sete amostras por camadas em anéis volumétricos, com dimensões de 0,05 m de altura e 0,05 m de diâmetro, quanto às deformadas serão coletadas cinco amostras compostas, oriundas de quinze subamostras. As análises constituirão dos atributos físicos (curva de retenção, macroporosidade, microporosidade e porosidade total determinada, densidade do solo, granulometria, argila dispersa em água, grau de floculação e infiltração de água no solo) e químicos (Ca2+, Mg2+, Na+, K+, P, carbono orgânico total, capacidade de troca catiônica, soma de bases, Al3+, (H+Al), pH e condutividade elétrica). Os macroartrópodes serão coletados via instalação de armadilhas de queda tipo provid, sendo instaladas vinte por área, nos períodos seco e chuvoso, e posteriormente identificados, contabilizados e classificados por ordem taxonômica. Os resultados dos atributos físicos e químicos dos solos serão obtidos pela média de três repetições no laboratório. Os resultados serão interpretados por meio da técnica de análise multivariada como ferramenta principal, especificamente a Análise de Componentes Principais, para determinação dos atributos mais sensíveis na distinção dos ambientes, e confecção de matriz de correlação e dendogramas verticais, feita a análise de correlação de Pearson (p 0,05). Espera-se que, a ferramenta estatística utilizada permitirá distinguir as pontencialidades e/ou limitações dos ambientes, sendo esperado que, ambientes com práticas conservacionistas e diversidade de cultivos apresentem maior qualidade dos atributos do solo, como também, diversidade dos macroartrópodes no período chuvoso.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Joseane Dunga da Costa - Integrante / José Francismar de Medeiros - Integrante / Jeane Cruz Portela - Coordenador / Thais Cristina de Souza Lopes - Integrante / Rutilene Rodrigues da Cunha - Integrante / Antonio Carlos da Silva - Integrante / Kellyane da Rocha Mendes - Integrante / Rafael Oliveira Batista - Integrante / MAXYNARA MELO DOS SANTOS - Integrante / JARDSON CRUZ DAS VIRGENS - Integrante / MARIA WILLIANE DE LIMA SOUZA - Integrante / DENILSON EDUARDO SILVA DANTAS - Integrante / MATHEUS ALVES RIBEIRO - Integrante / WANDSON MENDES VIEIRA - Integrante / FRANCISCO WELLINTON ANDRADE SILVA - Integrante / LETICIA CRISTINA OLIVEIRA DOS ANJOS - Integrante.

  • 2018 - Atual

    RETENÇÃO DE ÁGUA E AGREGADOS ESTÁVEIS EM CLASSES DE SOLOS NO OESTE POTIGUAR, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Jeane Cruz Portela em 02/08/2019., Descrição: A curva de retenção é uma das principais ferramentas para avaliar a qualidade estrutural do solo. As características peculiares do semiárido brasileiro, como o padrão climático, solo e vegetação, associada às práticas agropecuárias adotadas, contribuem para o processo de salinização e/ou sodicidade, como alterações nas propriedades físico-químicas do solo. O objetivo da pesquisa será avaliar a retenção de água no solo, o grau de estabilidade dos agregados e sua relação com os atributos físico-químicos, em ambientes naturais (referência) e antrópicos, em classes de solos. A pesquisa será desenvolvida no município de Governador Dix Sept Rosado, localizado na Microrregião da Chapada do Apodi-RN, em diferentes áreas produtivas e preservadas, no Projeto de Assentamento (P. A) Terra de Esperança. Serão coletadas amostras deformadas e indeformadas em diferentes classes de solos observadas, nos respectivos horizontes diagnósticos, para a realização das análises físicas (granulometria, argila dispersa em água, densidade do solo, resistência à penetração de raízes, estabilidade de agregados, macro, micro e porosidade total, condutividade elétrica na pasta de saturação (CE) e a razão de adsorção de sódio (RAS)) e o carbono orgânico total. Os dados obtidos serão submetidos à correlação de Pearson e à análise multivariada, utilizando o software STATISTICA 8.0. O estudo propõe inferência no que diz respeito a caracterização dos atributos do solo que atuam sobre a estruturação e retenção de água no solo, contribuindo assim, para o entendimento dos ambientes em estudo, quanto às potencialidades e /ou restrições para seu uso e conservação.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (6) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (8) . , Integrantes: Joseane Dunga da Costa - Integrante / Phâmella Kalliny Pereira Farias - Integrante / Jeane Cruz Portela - Coordenador / Tarcísio José de Oliveira Filho - Integrante / POLLYANA MONA SOARES DIAS - Integrante / Francisco Wellington Andrade Silva - Integrante / Thais Cristina de Souza Lopes - Integrante / Rutilene Rodrigues da Cunha - Integrante / Thamirys Duarte Ávila - Integrante / Mikhael Varão dos Santos - Integrante / Francisco Ernesto Sobrinho - Integrante / Antonio Carlos da Silva - Integrante / Kellyane da Rocha Mendes - Integrante / Carolina Malala Martins Souza - Integrante / MAXYNARA MELO DOS SANTOS - Integrante / JARDSON CRUZ DAS VIRGENS - Integrante.

  • 2017 - Atual

    MANEJO DE SOLO E ÁGUA NO SEMIÁRIDO NORDESTINO, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) José Francismar de Medeiros em 09/01/2019., Descrição: O semiárido nordestino tem cerca de 40% de sua área sedimentar, a exemplo da bacia potiguar, onde se localiza a chapada do Apodi. Estas áreas apresentam solos mais desenvolvidos que podem ser utilizados na agricultura intensiva, sobretudo quando dispõe de água subterrânea. Mas além dessa água ser limitada em quantidade há uma forte pressão pelo seu uso e pode apresentar qualidade inferior. Isto requer o uso racional do solo e da água ainda mais rigoroso. Também nessas áreas os solos muitas vezes são férteis, mas podem ter limitações de alguns nutrientes, como o fósforo, e quando irrigados, devido às características da água, os solos podem se tornar alcalinos, diminuindo sua fertilidade. Assim, o uso dos solos no semiárido deve ser baseado na classificação de aptidão de uso dos solos e, o uso intensivo das áreas onde se utiliza a irrigação precisa maximizar o uso da água e utilizar técnicas que diminuam os impactos, corrigindo determinados desvios. Assim, objetiva-se desenvolver três estudos de caso: 1. Fazer uma avaliação do meio físico e a classificação da capacidade de uso das terras de um assentamento na Chapada do Apodi, Semiárido Potiguar, segundo o método de Classificação de terras descrito por Lepsch et al. (2015); 2. Estudar o comportamento produtivo de sorgo (cultura rústica e muito produtiva em ambientes de elevada temperatura) à irrigação deficitária e com água de qualidade inferior e 3. Estudar o uso de produtos para o controle da reação do solo e doses de fósforo (nutriente mais deficiente do solos da região) visando aumentar a eficiência de utilização deste nutriente... , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (9) / Mestrado acadêmico: (6) / Doutorado: (4) . , Integrantes: Joseane Dunga da Costa - Integrante / José Francismar de Medeiros - Coordenador / Jeane Cruz Portela - Integrante / Gabriela Cemirames de Sousa Gurgel - Integrante / POLLYANA MONA SOARES DIAS - Integrante / Max Venicius Texeira da Silva - Integrante / Andrea Raquel Fernandes Carlos Costa - Integrante / Manoel Januário da Silva Junior - Integrante / Max Venicius T. da Silva - Integrante / Vladimir Batista Figueiredo - Integrante / Edna Maria Mendes Aroucha - Integrante / Ana Claudia da Silva - Integrante / Sergio Weine Paulino Chaves - Integrante / Francisco Jair Bezerra Lima - Integrante / Francisco Adêmio Teixeira Alves - Integrante / Vitor Abel da Silva Lino - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2017 - Atual

    Avaliação de unidades produtivas com base agroecológica no sítio poção, Martins/RN, Descrição: A avaliação dos agroecossistemas recebe importância destacada na busca por torná-los mais sustentáveis, sobretudo com a utilização de práticas agrícolas adequadas. Dessa forma, o objetivo deste trabalho é avaliar a sustentabilidade dos agroecossistemas no sítio Poção, Martins, RN. Essa avaliação será feita mediante a aplicação do modelo Marco para Evolução de Sistemas de Manejo de Recursos Naturais Incorporando Indicadores de Sustentabilidade (MESMIS). Serão descritos e classificados até o quarto nível categórico seis perfis de solo. As análises físicas compreenderão: granulometria; densidade de partículas; densidade do solo; macro, micro e porosidade total; resistência do solo à penetração mecânica e estabilidade dos agregados de solo em água. As análises químicas compreenderão: pH em água e em KCl; condutividade elétrica no extrato de saturação; cálcio, magnésio e alumínio trocáveis; fósforo disponível, nitrogênio total, sódio e potássio; acidez potencial; matéria orgânica do solo. A partir das análises realizadas serão calculados os seguintes índices: soma de bases; capacidade de troca catiônica efetiva; capacidade de troca catiônica a pH 7,0; saturação por bases; saturação por alumínio trocável e percentagem de sódio trocável. A quantificação da NH3 volatilizada será pelo Método Semiaberto Livre Estático (SALE). A hipótese desse trabalho é que a caracterização dos solos possa subsidiar interpretações a cerca do uso agrícola dos solos, evidenciando suas potencialidades e trazendo sugestões para as limitações, assim como, que a avaliação das unidades agroecológicas possa apoiar a agricultura sustentável, além de fazer com que os agricultores possam adquirir conhecimento e entusiasmo para com o trabalho de modificação dos seus agroecossistemas em vista da sustentabilidade.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (10) . , Integrantes: Joseane Dunga da Costa - Integrante / Phâmella Kalliny Pereira Farias - Integrante / Jeane Cruz Portela - Coordenador / Jucirema Ferreira da Silva - Integrante / Tarcísio José de Oliveira Filho - Integrante / POLLYANA MONA SOARES DIAS - Integrante / Francisco Wellington Andrade Silva - Integrante / Thais Cristina de Souza Lopes - Integrante / Rutilene Rodrigues da Cunha - Integrante / Francisco Ernesto Sobrinho - Integrante / Antonio Carlos da Silva - Integrante / Kellyane da Rocha Mendes - Integrante / Carolina Malala Martins Souza - Integrante / MARIA ELIDAYANE DA CUNHA - Integrante.

  • 2017 - Atual

    LEVANTAMENTO DOS SOLOS E CLASSIFICAÇÃO DA CAPACIDADE DE USO DAS TERRAS NO SÍTIO DO GÓIS, APODI-RN., Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Jeane Cruz Portela em 02/08/2019., Descrição: O diagnóstico da adequação agrícola das terras rurais de uma região envolve a caracterização do meio físico, do uso atual e a classificação da capacidade de uso das terras, tendo como base inicial, o levantamento de solos com classificação e caracterização do mesmo. Sendo assim, o presente estudo propõe realizar o levantamento dos solos, sua caracterização morfológica, físico-química e a classificação de terras no sistema de capacidade de uso confrontando, com uso atual, no Sítio do Gois no município de Apodi, RN. Será realizado levantamento pedológico e caracterização do meio físico com coletas de amostras de solos nos horizontes diagnósticos, para posterior análises físicas, químicas e a classificação dos solos. Nas áreas de uso agrícola serão coletas amostras com estruturas deformadas e indeformadas, nas profundidades de 0-20 e 20-40 cm para realização das análises físicas, densidade do solo, porosidade total, macroporosidade e microporosidade do solo, densidade de partículas, granulometria, argila dispersa em água, relação silte/argila e análises químicas, pH, carbono orgânico, macronutrientes e micronutrientes, matéria orgânica, sulfato, nitrato e amônio. Em função do levantamento do meio físico e análises físico-química, os solos serão classificados com relação a sua capacidade de uso e posteriormente elaborado mapas de solos, capacidade de uso e uso atual, utilizando-se da integralização das informações obtidas pela aplicação da técnica de Sensoriamento Remoto ? SR, com outras variáveis ambientais em um Sistema de Informações Geográficas ? SIG, utilizando-se o programa QGIS 2.14. Os resultados serão interpretados com o auxílio da análise multivariada como ferramenta principal, especificamente a análise de componentes principais, em função da variabilidade ambiental. Espera-se com as informações obtidas, contribuir para um melhor uso do solo, promovendo sua conservação e minimizando seus impactos no ambiente.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (7) . , Integrantes: Joseane Dunga da Costa - Integrante / Phâmella Kalliny Pereira Farias - Integrante / Jeane Cruz Portela - Coordenador / POLLYANA MONA SOARES DIAS - Integrante / Francisco Wellington Andrade Silva - Integrante / Thais Cristina de Souza Lopes - Integrante / Francisco Ernesto Sobrinho - Integrante / Antonio Carlos da Silva - Integrante / Carolina Malala Martins Souza - Integrante.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Prêmios

2016

5 LUGAR NO "PRÊMIO PIVIC - EDIÇÃO 2015/2016", UFERSA.

2013

1 LUGAR NA TURMA DE ENGENHARIA AGRÍCOLA E AMBIENTAL 2012.2, UFERSA.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Universidade Federal Rural do Semi-Árido, UFERSA - Campus Pau dos Ferros. , BR-226, São Geraldo, 59900000 - Pau dos Ferros, RN - Brasil, Telefone: (84) 991882939

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

2019 - Atual

Universidade Federal Rural do Semi-Árido

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor titular, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

2017 - 2018

Universidade Federal Rural do Semi-Árido

Vínculo: Professora Substituta, Enquadramento Funcional: Professora Substituta, Carga horária: 40

Outras informações:
Disciplinas ministradas: -Ecologia da poluição; -Ecotoxicologia; -Ecologia geral.