Orivaldo da Silva Lacerda Junior

Possui graduação em Química pela Universidade Federal do Amazonas (2005), graduação em Formação Pedagógica em Pedagogia pela Faculdade Mantenese dos Vales Gerais (2022), Especialização em Educação Inclusiva com Ênfase em Transtorno do Espectro Autista (2022), Especialização em Saúde Indígena pela Faculdade Faveni (2022), Especialização em GESTÃO DE QUALIDADE E SEGURANÇA DOS ALIMENTOS pela Faculdade Serra Geral (2022), mestrado em MESTRADO EM QUÍMICA pela Universidade Federal do Amazonas (2008) e doutorado em Química pela Universidade Federal do Amazonas (2013). Tem experiência na área de ensino de Química, com ênfase em formação de professores, EJA, formação continuada de professores, indicadores de ensino, química de produtos naturais, síntese de matérias nanoporosos e mesoporosos a base de sílica e cerâmica residuais, Química dos Produtos Naturais.

Informações coletadas do Lattes em 28/05/2022

Acadêmico

Formação acadêmica

Doutorado em Química

2009 - 2013

Universidade Federal do Amazonas
Título: Sintese de catalisadores heterogêneos e produção de biodiesel de borra ácida de óleo de palma
Ivoneide de Carvalho Lopes Barros. Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Palavras-chave: BIODIESEL; Zeolitas; Catalisadores heterogêneo; MCM-41.Grande área: Ciências Exatas e da TerraSetores de atividade: Produção e Distribuição de Eletricidade, Gás e Água.

Mestrado em MESTRADO EM QUÍMICA

2006 - 2008

Universidade Federal do Amazonas
Título: SÍNTESE DE BIODIESEL A PARTIR DE ÓLEO DE VIROLA SURINAMENSIS,Ano de Obtenção: 2008
SERGIO MASSAYOSHI NUNOMURA.Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Palavras-chave: BIODIESEL; TRANSESTERIFICAÇÃO; ENZIMAS; VIROLA SURINAMENSIS.

Especialização em andamento em GESTÃO DE QUALIDADE E SEGURANÇA DOS ALIMENTOS

2022 - Atual

Faculdade Serra Geral

Especialização em EDUCAÇÃO INCLUSIVA COM ÊNFASE EM TRANSTORNO DO ESPECTRO AUTISTA ? TEA

2022 - 2022

FACULDADE MANTENESE DOS VALES GERAIS
Título: A formação Docente para a inclusão de alunos com autismo, dislexia e discalculia na rede publica de ensino
Orientador: Orivaldo da Silva Lacerda Jr

Especialização em Saúde Indígena

2021 - 2022

FAVENI-FACULDADE VENDA NOVA DO IMIGRANTE
Título: A formação Docente para a inclusão de alunos com autismo, dislexia e discalculia na rede publica de ensino

Graduação em Formação Pedagógica em Pedagogia

2021 - 2022

FACULDADE MANTENESE DOS VALES GERAIS

Graduação em Química

2001 - 2005

Universidade Federal do Amazonas

Ensino Médio (2º grau)

1996 - 1999

Escola Ernest Rutheford

Formação complementar

2022 -

Formação para Profissionais da Educação Infantil. (Carga horária: 200h). , Secretaria de Educação Básica, SEB, Brasil.

2022 -

Gestão Escolar. (Carga horária: 80h). , Secretaria de Educação Básica-MEC, MEC, Brasil.

2022 - 2022

Formação de Facilitadores de Aprendizagem. (Carga horária: 40h). , Escola Nacional de Administração Pública, ENAP, Brasil.

2022 - 2022

Educação em Tempos de Coronavírus. (Carga horária: 20h). , REEALED LED TECNOLOGY, REEALED, Brasil.

2022 - 2022

METODOLOGIAS ATIVAS: CAMINHOS PARA A PRÁTICA. (Carga horária: 20h). , Fundação Bradesco, BRADESCO, Brasil.

2022 - 2022

QUÍMICA: A IMPORTÂNCIA DE SE ESTUDAR QUÍMICA. (Carga horária: 2h). , Fundação Bradesco, BRADESCO, Brasil.

2022 - 2022

Formação para Articuladores do Programa de Inovação Educação Conectada. (Carga horária: 180h). , Educação Conectada, EDUCAÇÃO CONECTA, Brasil.

2022 - 2022

BNCC na prática: do currículo à sala de aula Desvendando as diretrizes. (Carga horária: 20h). , Instituto Singularidade, IS, Brasil.

2022 - 2022

o Química Geral I. (Carga horária: 40h). , REEALED LED TECNOLOGY, REEALED, Brasil.

2022 - 2022

Formação para Articuladores do Programa de Inovação Educação Conectada. (Carga horária: 60h). , Educação Conectada, EDUCAÇÃO CONECTA, Brasil.

2021 - 2021

Saúde Pública. (Carga horária: 80h). , Centro Universitário Venda Nova do Imigrante, UNIFAVENI, Brasil.

2021 - 2021

BIOESTATÍSTICA E ESTATÍSTICA VITAL. (Carga horária: 80h). , Centro Universitário Venda Nova do Imigrante, UNIFAVENI, Brasil.

2020 - 2020

Educação Ambiental. (Carga horária: 14h). , Faculdade de Tecnologia SENAI Campo Grande-MS, FATEC SENAI, Brasil.

2020 - 2020

CONSUMO CONCIENTE DE ENERGIA. (Carga horária: 14h). , Faculdade de Tecnologia SENAI Campo Grande-MS, FATEC SENAI, Brasil.

2020 - 2020

Segurança do Trabalho. (Carga horária: 14h). , Faculdade de Tecnologia SENAI Mato Grosso, FATEC SENAI MT, Brasil.

2020 - 2020

COMPETÊNCIAS BÁSICAS PARA O ENSINO SUPERIOR-MATEMÁTIC (FUNÇÕES)A. (Carga horária: 12h). , Universidade Cruzeiro do Sul, UNICSUL, Brasil.

2020 - 2020

AGENTE COMUNITÁRIO DE SAÚDE. (Carga horária: 50h). , ESCOLA WEB UNOVA CURSOS, UNOVA, Brasil.

2020 - 2020

FATURAMENTO ESPECÍFICO PARA O SUS. (Carga horária: 120h). , Faculdade Sul Mineira, FASULMG, Brasil.

2020 - 2020

EMPREENDER A VIDA. (Carga horária: 20h). , CRUZEIRO DO SUL VIRTUAL, CS, Brasil.

2020 - 2020

COMPETÊNCIA BÁSICAS PARA OENSINO SUPERIOR-MATEMÁTICA ELEMENTAR. (Carga horária: 12h). , CRUZEIRO DO SUL VIRTUAL, CS, Brasil.

2020 - 2020

INTRODUÇÃO À SAÚDE DO SUS,. (Carga horária: 120h). , Faculdade Sul Mineira, FASULMG, Brasil.

2020 - 2020

SAÚDE INDÍGENA,. (Carga horária: 120h). , Faculdade Sul Mineira, FASULMG, Brasil.

2020 - 2020

COMPETÊNCIA BÁSICAS PARA OENSINO SUPERIOR-MATEMÁTICA (ALGEBRA II). (Carga horária: 12h). , CRUZEIRO DO SUL VIRTUAL, CS, Brasil.

2020 - 2020

COMPETÊNCIA BÁSICAS PARA OENSINO SUPERIOR-MATEMÁTICA (ALGEBRA I). (Carga horária: 12h). , CRUZEIRO DO SUL VIRTUAL, CS, Brasil.

2020 - 2020

AMBIENTE VIRTUAL. (Carga horária: 120h). , CRUZEIRO DO SUL VIRTUAL, CS, Brasil.

2003 - 2003

Farmácia: Ciência e Conciência Profissional. (Carga horária: 25h). , Universidade Federal do Amazonas, UFAM, Brasil.

2003 - 2003

Quimica e Sociedade. (Carga horária: 60h). , Universidade Federal do Amazonas, UFAM, Brasil.

2003 - 2003

O Ensino de Química Em Diferentes Níveis. (Carga horária: 60h). , UFAM, UFAM, Brasil.

2003 - 2003

Experimentacão no Ensino de Química. , UFAM, UFAM, Brasil.

2002 - 2002

Catalise Heterogênea de Óleos Vegetais. (Carga horária: 6h). , UFAM, UFAM, Brasil.

2002 - 2002

Atualizaçao em Fitoquímica. (Carga horária: 60h). , INPA, INPA, Brasil.

2002 - 2002

Fitoquímica. (Carga horária: 20h). , I feira internacional da amazônia, I FIAM, Brasil.

Idiomas

Bandeira representando o idioma Inglês

Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Bem.

Bandeira representando o idioma Espanhol

Compreende Razoavelmente, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Bandeira representando o idioma Português

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Áreas de atuação

Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Química / Subárea: Química Orgânica/Especialidade: Química dos Produtos Naturais.

Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Química / Subárea: Química Orgânica.

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Farmacologia / Subárea: Etnofarmacologia.

Organização de eventos

DA SILVA LACERDA, ORIVALDO . II Congresso Online Nacional de Química - CONDEQUI. 2020. (Congresso).

LACERDA JUNIOR, O. S. ; Loureiro, C. V ; Gomes, R. A ; SANTOS, A, A. . II Semana da Química e Meio Ambiente de Camocim. 2018. (Congresso).

LACERDA JUNIOR, O. S. . III Semana de Educação e Ciência da UECE-FAEC-Crateús. 2018. (Outro).

Bessa Araujo ; LACERDA JUNIOR, O. S. ; Neto A ; Ponte P ; Leonel Oliveira . ScratchDay Camocim 2018. 2018. (Exposição).

LACERDA JUNIOR, O. S. . II Semana de Educação e Ciências da FAEC- polo Crateús. 2017. (Outro).

DA SILVA LACERDA, ORIVALDO . OFICINA DE PRODUÇÃO DE SABÃO ORGÂNICO. 2017. (Outro).

LACERDA JUNIOR, O. S. ; Anchieta. D ; MArtins E . SHOW DA QUÍMICA: EXPERIMENTOS DE QUÍMICA COM REAGENTES ALTERNATIVOS. 2017. (Outro).

Participação em eventos

Congresso OnLine Nacional de Química. Participou como membro da Comissão Científica do II Congresso Online Nacional de Química. 2020. (Congresso).

II Congresso Online Nacional de Química - CONDEQUI. DISCALCULIA: DIFICULDADES NO ENSINO E APRENDIZAGEM DA QUÍMICA. 2020. (Congresso).

II Congresso Online Nacional de Química - CONDEQUI. Produção de carvão ativado a partir de borra de café para tratamento de resíduo utilizado em aula de experimento de química.. 2020. (Congresso).

Orivaldo da Silva Lacerda Junior. II Congresso Online Nacional de Química - CONDEQUI. 2020. (Congresso).

Congresso Online Nacional de Química-CODEQUI. A Metodologia Dicumba como Artifício para a Contextualização no Ensino de Química: Conjecturas e Concepções. 2019. (Congresso).

Congresso Online Nacional de Química-CODEQUI. Síntese de Catalisadores Heterogêneos Ácidos e Reações de Esterificações: Biodiesel e Biolubrificantes.. 2019. (Congresso).

XXIV Semana Universitária da UECE.TRATAMENTO DE EFLUENTES DE LABORATÓRIO DE QUÍMICA DO IFCE UILIZANDO CARVÃO ATIVADO DE BORRA DE CAFÉ COMO ADSORVENTE.. 2019. (Outra).

II semana de Quimica e meio Ambiente do IFCE/Camocim. Análise Físico-química da água residual dos postos Lava jato da cidade de Crateús. 2018. (Congresso).

II Semana de Química e Meio Ambiente do IFCE de Camcim. Reciclagem de óleo residual caseiro para Produção de Sabão como Instrumento de educação Ambiental e ensino de Química. 2018. (Congresso).

II Fórum de Educação Superior de Crateús - desenvolvimento e responsabilidade social.II Fórum de Educação Superior de Crateús - desenvolvimento e responsabilidade social. 2017. (Seminário).

I Semana do Meio Ambiente da UFC/Crateus. 2017. (Outra).

I Semana do Meio Ambiente da UFC/Crateús.A qualidade da Água no Processo da Flotação dos Minerais. 2017. (Outra).

XXII Semana Universitária da UECE. https://semanauniversitaria2019.uece.br. 2017. (Congresso).

11 Encontro Brasileiro sobre Adsroçao. SÍNTESE DE MATERIAL MESOPOROSO MCM-41 DERIVADA DA SILICA RESIDUAL. 2016. (Congresso).

ENCOENG 2015: IV Encontro Regional de Engenharia.Preparação de derivados semissintéticos de plantas Amazônicas de atividades antimaláricas in vitro in vivo. 2015. (Encontro).

III Semana de Ciência e Tecnologia do ICE. CARACTERIZAÇÃO SÍNTESE DE MATERIAL MESOPOROSO MCM-41 UTILIZANDO SÍLICA RESIDUAL COMO FONTE DE SILÍCA. 2015. (Congresso).

XIV Reunião Nacional de Pesquisa em Malária. 2013. (Congresso).

XIX Congresso Brasileiro de Enghenaria Química (COBEQ 2012). Catalisadore HPW suportado em Sílca de Esponja de Água Doce Na Reação de esterificação do Ácido Oleico.. 2012. (Congresso).

2nd Couse on Novel Advances on Zeolites and Mesoporous: Challenge and Perspectives. Avaliação do Potencial da borra ácida de palma para obtenção de biocombustível alternativo. 2010. (Congresso).

8o ENCONTRO DE CATÁLISE- 8 ENCAT. Catalisadores heterogêneos e Homogêneos para produçao de Biodeisel etílico de borra ácida de palma. 2010. (Congresso).

I Semana Acadêmica de Engenharia Quimica EST/UEA. 2010. (Seminário).

IX Encontro Regional de Catálise. Produção de Biocombustível por esterificação dos resíduos gordurosos de dendê e cupuaçu. 2010. (Congresso).

III Congresso da Rede Brasileira de Tecnologia de Biodiesel. Caracterização físico-química da borra ácida de óleo de palma para obtençao de biocombustivel. 2009. (Congresso).

Avaliação da Aprendizagem: Elaboraçao Conceituais e Recursos Tecnicos.Avaliação da Aprendizagem: Elaboração Conceituais e recursos técnicos. 2007. (Outra).

Congresso de Pais. 2006. (Congresso).

VII Semana de Farmácia e Bioquímica da UFAM. 2003. (Seminário).

XLIII Congresso Brasileiro de Química. 2003. (Congresso).

Atualização em Fitoquímica. 2002. (Outra).

I Workshop de Química da UFAM. 2002. (Seminário).

XVI Semana da Química - I Workshop de Química. 2002. (Oficina).

XVI Semana de Química. 2002. (Seminário).

Participação em bancas

Aluno: Pauline de Farias Soldera

DA SILVA LACERDA, ORIVALDO. Avaliação da atividade anti-leishmaia Induzida por Complexos metálicos a base de Prata. 2015. Dissertação (Mestrado em Biotecnologia) - Universidade Federal do Amazonas.

Aluno: Ledjane Vieira de Freitas

POHLIT, Adrian MartinDA SILVA LACERDA, ORIVALDO. Atividade sinérgica in vitro e in vivo de produtos naturais da Amazônia e seus derivados contra Plasmodium spp. 2015. Dissertação (Mestrado em Ciências Farmacêuticas) - Universidade Federal do Amazonas.

Aluno: Rosilane Ramos Graça

DA SILVA LACERDA, ORIVALDO. Licaria puchury-major(MART) Kosterm: Biossíntese de nanopartículas de prata dos extratos vegetais com atividades antimicrobiana. 2015. Tese (Doutorado em Programa Multi-Institucional de Pós-Graduação em Biotecnologia) - Fundação Universidade do Amazonas.

Aluno: MARIETA NASCIMENTO DE QUEIROZ

DA SILVA LACERDA, ORIVALDO. Uso fracionados de Piper aduncum no tratamento de monogenóides de pirarucu, arapaima gigas. 2015.

Aluno: Pauline de Farias Soldera

DA SILVA LACERDA, ORIVALDO. Avaliação da atividade anti-leishmaia Induzida por Complexos metálicos a base de Prata. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Programa Multi-institucional de Pós-graduação em Biotecnologia) - Universidade Federal do Amazonas.

Aluno: Kellyane Macêdo Martins

LACERDA JUNIOR, O. S.. PROPOSTA DE PRÁTICA DE ELETROFORESE CASEIRA VERTICAL. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual do Ceará.

Aluno: Olavo Mateus Rodrigues Lopes

DA SILVA LACERDA, ORIVALDO. A contextualização nas Atividade Presentes no Livro Didático- Química- Ser Protagonista- volume 1.. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual do Ceará.

Aluno: Marcela Santos de Sousa

LACERDA JUNIOR, O. S.. Frequência de Anemia em Pacientes com Malaria Plamodium Vivax Atendidos em uma Unidade de Atenção terciaria.. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia) - Uninorte Laureate.

Aluno: Sarah Menezes de Lima

LACERDA JUNIOR, O. S.. Revisão Bibliográfica da Interação Medicamento-alimento por Sonda Enteral em Pacientes Adultos Na UTI. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia) - Uninorte Laureate.

Aluno: Ana Kerssya de Almeida Gimaque

LACERDA JUNIOR, O. S.. Imobilização Covalente da Enzima Fosfolipase A2 do veneno Crotalus urissus ruruima nas oleosinas dos Oleossomas da Smente de andiroba (Carapa quianensis). 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia) - Uninorte Laureate.

Aluno: Tereza Tavares Canto

LACERDA JUNIOR, O. S.. Controle Físico-químico dos Sucos de Frutas Industrializados e Comercializados na Cidade de Manaus.. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia) - Uninorte Laureate.

Aluno: Valeria Chaves Fernades

LACERDA JUNIOR, O. S.. Caracterização dos Oleossomas/Oleosinas da Smente de Andiroba. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Biologia) - Uninorte Laureate.

Aluno: Edney Feliciano da Silva

LACERDA JUNIOR, O. S.. Galvanoplastia no Processo de CD. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Licenciatura em Química) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Amazonas.

Comissão julgadora das bancas

PATRÍCIA MELCHIONNA ALBUQUERQUE

Nunomura, S. M.; Borges, J. T.;ALBUQUERQUE, P. M.. Gordura de Ucuúba: Caracterização Química e Síntese de Biodiesel. 2009. Dissertação (Mestrado em Química) - Universidade Federal do Amazonas.

Marlon de Souza Silva

BARROS, I. C. L.; NUNOMURA, S. M.; ROCHA FILHO, G. N.;SILVA, M. S.; CHAAR, J. S.. Avaliação do Potencial da Borra Ácida de Óleo Palma para Obtenção de Biocombustível Alternativo. 2013. Tese (Doutorado em QUIMICA) - Universidade Federal do Amazonas.

Marlon de Souza Silva

SILVA, M. S.. Avaliação do Potencial da Borra Ácida de Óleo Palma para Obtenção de Biocombustível Alternativo. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de pós graduação em Química) - Universidade Federal do Amazonas.

Orientou

Orivaldo da Silva Lacerda Junior

Contribuição Indígina Para o Ensino e Prática da Química; Início: 2022; Dissertação (Mestrado em CIENCIAS DE LA EDUCACIÓN) - UNIVERSIDAD DE LA INTEGRACIÓN DE LAS AMÉRICAS, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas; (Orientador);

Orivaldo da Silva Lacerda Junior

TRATAMENTO DOS EFLUENTES DA AULA DE QUÍMICA ANALÍTICA DA UECE/FAEC A PARTIR DA PRODUÇÃO DE CARVÃO ATIVADO DE BORRA DE CAFÉ; 2021; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Estadual do Ceará; Orientador: Orivaldo da Silva Lacerda Junior;

Orivaldo da Silva Lacerda Junior

Aspectos Termodinâmicos da Idealidade dos gases; 2018; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Estadual do Ceará; Orientador: Orivaldo da Silva Lacerda Junior;

Orivaldo da Silva Lacerda Junior

Concepções Alternativas da Química Ambiental; 2018; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Estadual do Ceará; Orientador: Orivaldo da Silva Lacerda Junior;

Orivaldo da Silva Lacerda Junior

Educação Ambiental: Utilização de Resíduos Sólidos para Produção de carvão Ativado em uma escola de Ensino Médio no Município de Crateús; ; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Estadual do Ceará; Orientador: Orivaldo da Silva Lacerda Junior;

Orivaldo da Silva Lacerda Junior

Extração de Óleo essencial de Capim Santo (Cymbopogon Citratus) Utilizando Material Alternativo no Ensino de Química; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Estadual do Ceará; Orientador: Orivaldo da Silva Lacerda Junior;

Antonia Ximenes de Pinho

UTILIZAÇÃO DE WEBSITE NO AUXÍLIO DO ENSINO DE QUÍMICA ANALÍTICA; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Estadual do Ceará; Orientador: Orivaldo da Silva Lacerda Junior;

RODRIGO QUEIROZ DE LIMA SARA JÉSSICA TEIXEIRA DE ANDRADE

ESTUDO FITOQUÍMICO E ANTIMICROBIANO DA CASCA DE ENDOPLEURA UCHI; 2015; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Farmácia) - Uninorte Laureate; Orientador: Orivaldo da Silva Lacerda Junior;

ILDISON BILBY DA SILVA, JOCILEI VASQUE DOS SANTO, LIVIAN C

; AS CONDUTAS DE DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO À GESTANTE COM SÍFILIS; 2015; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Farmácia) - Uninorte Laureate; Orientador: Orivaldo da Silva Lacerda Junior;

Ruy Pacheco júnior

ATIVIDADE ANTIMICROBIANA E CITOTÓXICA IN VITRO DE EXTRATOS DE PLANTAS AMAZÔNICAS SOBRE CEPAS DE STREPTOCOCUS MUTANS; 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Odontologia) - Uninorte Laureate; Orientador: Orivaldo da Silva Lacerda Junior;

Ana Christina de Souza Roque, Daniela Regina Moraes da Silva

CITOTOXIDADE DE PRODUTOS COSMÉTICOS DE ESTÉTICA CAPILAR; 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Estética) - Uninorte Laureate; Orientador: Orivaldo da Silva Lacerda Junior;

Janaína Moreira Campos, Mara Terezinha Estropoli Weiss

AÇÃO DO EXTRATO VEGETAL DE CAMOMILA NO PROCESSO DE MODIFICAÇÃO DA COR DOS CABELOS; 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Estética) - Uninorte Laureate; Orientador: Orivaldo da Silva Lacerda Junior;

NILZANE CRUZ DE HOLANDA, ANNE MYKAELLY NOGUEIRA

ESTUDO FITOQUÍMICO E MICROBIOLÓGICO DA ESPÉCIE CHENO-PODIUM AMBROSIOIDES (MASTUZ) COMERCIALIZADA NA FEIRA DO PRODUTOR ZONA LESTE DE MANAUS; ; 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Farmácia) - Uninorte Laureate; Orientador: Orivaldo da Silva Lacerda Junior;

Andreza Carneiro dos Santos, Doralice Bentes da Cunha

A IMPORTÂNCIA DA PROTEÇÃO TÉRMICA ANTES DO PROCEDIMENTO DE ESCOVAÇÃO CAPILAR; 2013; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Estética) - Uninorte Laureate; Orientador: Orivaldo da Silva Lacerda Junior;

Orivaldo da Silva Lacerda Junior

SÍNTESE DE CATALISADOR MESOPOROSO MCM-41 A PARTIR DE SÍLICA RESIDUAL COMO FONTE DE SÍLICA; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Engenharia Ambiental) - Fundação Centro de Análise Pesquisa e Inovação Tecnológica, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Orivaldo da Silva Lacerda Junior;

Orivaldo da Silva Lacerda Junior

Síntese Derivados Acilados A Parir do 4-Nerolidilcatecol e Atividade Antiplasmodica In vitro; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Fitoquimica) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia; Orientador: Orivaldo da Silva Lacerda Junior;

Foi orientado por

Adrian Martin Pohlit

Estudo Fitoquímico Biomonitorado da Espécie Simarouba amara; 2004; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Bacharél Em Química) - Universidade Federal do Amazonas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Adrian Martin Pohlit;

Adrian Martin Pohlit

Estudo Fitoquímico e Atividade Biológica da Família Simaroubaceae; 2003; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia; Orientador: Adrian Martin Pohlit;

Adrian Martin Pohlit

Síntese e atividade antiplasmódica in vitro e antimalárica in vivo de novos derivados do 4-nerolidilcatecol, extraído das raízes de Piper peltatum; 2016; Orientação de outra natureza - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Adrian Martin Pohlit;

Adrian Martin Pohlit

Estágio em Química de Plantas Bioativas; 2002; Orientação de outra natureza - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia; Orientador: Adrian Martin Pohlit;

Sergio Massayoshi Nunomura

Gordura de ucuúba: caracterização química e síntese de biodiesel; 2009; 0 f; Dissertação (Mestrado em Química) - Universidade Federal do Amazonas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Sergio Massayoshi Nunomura;

Orivaldo da Silva Lacerda Junior

Contribuição Indígina Para o Ensino e Prática da Química; Início: 2022; Dissertação (Mestrado em CIENCIAS DE LA EDUCACIÓN) - UNIVERSIDAD DE LA INTEGRACIÓN DE LAS AMÉRICAS, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas; (Orientador);

Orivaldo da Silva Lacerda Junior

TRATAMENTO DOS EFLUENTES DA AULA DE QUÍMICA ANALÍTICA DA UECE/FAEC A PARTIR DA PRODUÇÃO DE CARVÃO ATIVADO DE BORRA DE CAFÉ; 2021; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Estadual do Ceará; Orientador: Orivaldo da Silva Lacerda Junior;

Orivaldo da Silva Lacerda Junior

Aspectos Termodinâmicos da Idealidade dos gases; 2018; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Estadual do Ceará; Orientador: Orivaldo da Silva Lacerda Junior;

Orivaldo da Silva Lacerda Junior

SÍNTESE DE CATALISADOR MESOPOROSO MCM-41 A PARTIR DE SÍLICA RESIDUAL COMO FONTE DE SÍLICA; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Engenharia Ambiental) - Fundação Centro de Análise Pesquisa e Inovação Tecnológica, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Orivaldo da Silva Lacerda Junior;

José Felício da Silva

Estudo químico biomonitorado de folha de Simaruba amara (Simaroubaceae); 2004; Orientação de outra natureza; (Bacharelado em Química) - Universidade Federal do Amazonas; Orientador: Jose Felicio da Silva;

Ivoneide de Carvalho Lopes Barros

Avaliação do Potencial da Borra Ácida de Óleo de Palma para Obtenção de Biocombustível Alternativo; 2013; Tese (Doutorado em Química) - Universidade Federal do Amazonas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Ivoneide de Carvalho Lopes Barros;

Ivoneide de Carvalho Lopes Barros

Estágio de Docência; 2009; Orientação de outra natureza; (Programa de Pós-Graduação em Química - PPGQ) - Universidade Federal do Amazonas; Orientador: Ivoneide de Carvalho Lopes Barros;

Rita de Cássia Saraiva Nunomura

Gordura de Ucuuba: Caracterização química e sínteses de biodieses; 2009; Dissertação (Mestrado em Química) - Universidade Federal do Amazonas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Coorientador: Rita de Cassia Saraiva Nunomura;

Rita de Cássia Saraiva Nunomura

Estudo Fitoquímico Biomonitorado da Espécie Simarouba amara; ; 2004; Iniciação Científica - Universidade Federal do Amazonas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Rita de Cassia Saraiva Nunomura;

Rita de Cássia Saraiva Nunomura

Estudo Fitoquímico e Atividade Biológica da Família Simaroubaceae; ; 2003; Iniciação Científica - Universidade Federal do Amazonas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Rita de Cassia Saraiva Nunomura;

Produções bibliográficas

  • DA SILVA LACERDA, ORIVALDO ; Elton Jr ; Lima, J N M . TRATAMENTO DOS EFLUENTES DA AULA DE QUÍMICA ANALÍTICA DA UECE/FAEC A PARTIR DA PRODUÇÃO DE CARVÃO ATIVADO DE BORRA DE CAFÉ. https://doi.org/10.51891/rease.v8i1 , v. v 8, p. 1571-1583, 2022.

  • LACERDA JUNIOR, O. S. ; NASCIMENTO, E. F. . LICENSEE?S PERCEPTION IN THE INTRODUCTION OF THE PEDAGOGIA RESIDENCE PROGRAM IN THEIR TRAINING AT THE FACULTY OF EDUCATION OF CRATEÚS. https://doi.org/10.51249/gei.v3i02.737 , v. 03, p. 235-285, 2022.

  • LACERDA JUNIOR, O. S. ; Rodrigues C D S . O CRISTIANISMO COMO O BERÇO DA CIÊNCIA MODERNA E SUAS INFLUÊNCIAS NA INVESTIGAÇÃO CIENTÍFICA. https://doi.org/10.51249/gei.v3i02.738 , v. 03, p. 282-347, 2022.

  • ARAUJO, M. J. C. ; LACERDA JUNIOR, O. S. . S TDIC?S NO ENSINO DE QUÍMICA COMO PROPOSTA DE INCLUSÃO PARA ALUNOS AUTISTAS E COM TDAH. https://doi.org/10.51249/jid.v3i01.684 , v. 3, p. 141-188, 2022.

  • SILVA, A. R. V. ; LACERDA JUNIOR, O. S. . ANÁLISE DOS PARECERES E DAS DIFICULDADES VIVENCIADAS POR PROFESSORES DA EDUCAÇÃO BASICA NAS AULAS DE QUÍMICA DURANTE O ENSINO EMERGENCIAL REMOTO. https://doi.org/10.51249/jid.v3i01.686 , v. 03, p. 204-247, 2022.

  • LACERDA JUNIOR, O. S. ; Lima, J N M ; Elton Jr ; Farias, S ; Rodrigues C D S . ANÁLISE FÍSICO-QUÍMICA E MICROBIOLÓGICA DE ÁGUA DE POÇOS PARTICULARES E PÚBLICOS DA CIDADE DE CRATEÚS-CE. Conexão ComCiencas , v. 5, p. 1-10-10, 2021.

  • DA SILVA LACERDA, ORIVALDO ; Ferreira, G ; Lima, J N M ; ALmeida, M E S ; Silva, B N ; Lacerda, D I S ; Coceiroa, P R C . Síntese MCM-41 utilizando sílica residual de laboratório de química orgânica como fonte de sílica. Revista Coneção Com Ciências , v. 3, p. 1-19, 2021.

  • POHLIT, Adrian Martin ; QUIGNARD, Etiene Louis Jacques ; NUNOMURA, Sergio Massayoshi ; TADEI, Warderli Pedro ; HIDALGO, Ari Freitas ; PINTO, Ana Cristina da Silva ; SANTOS, Elba Vieira Mustafa dos ; SARAIVA, Rita de Cássia Guedes ; MING, Lin Chau ; ALECRIN, Alexandre Mascarenhas ; FERRAZ, Alfeu de Barros ; PEDROSA, Andresa C. S. ; DINIZ, Elisangela Vieira ; GOMES, Erika de Oliveira ; DA SILVA LACERDA, ORIVALDO ; HENRIQUE, Marycleuma Campos ; SANTOS, Mirian dos ; SILVA, Súnia Gomes ; GRAÇA, Yara Rodrigues . Screening of plants found in the State of Amazonas, Brazil for activity against Aedes aegypti larvae. ACTA AMAZONICA , v. 34, p. 1571-1583, 2004.

  • LACERDA JUNIOR, O. S. ; Lima, J N M . O Uso de TIC como recurso didático presente nas aulas de Ciências em Tempo de pandemia. In: II Escola de Pesquisadores - BA, 2021, Bahia. O Uso de TIC como recurso didático presente nas aulas de Ciências em Tempo de pandemia, 2021.

  • LACERDA JUNIOR, O. S. ; SARAIVA, Rita de Cassia Guedes ; POHLLIT, Adrian Martin ; NUNOMURA, Sergio Massayoshi . Estudo Fitoquimico Biomonitorado de Simarouba amara. In: XIII Jornada de Iniciação Científica, 2004, Manaus. XII Jornada de Iniciação Científica, 2004. p. 314-315.

  • LACERDA JUNIOR, O. S. ; SARAIVA, Rita de Cassia Guedes ; POHLIT, Adrian Martin ; NUNOMURA, Sergio Massayoshi . Avaliação de Atividade Citotóxica e Larvicida de Três Espécies da Família Simaroubaceae. In: XII Jornada de Iniciação Científica, 2003, Manaus. XII Jornada de Iniciação Científica, 2003. p. 225-226.

  • LACERDA JUNIOR, O. S. ; Lima, J N M ; Elton Jr ; Farias, S ; Rodrigues C D S . ANÁLISE FÍSICO-QUÍMICA E MICROBIOLÓGICA DE ÁGUA DE POÇOS PARTICULARES E PÚBLICOS DA CIDADE DE CRATEÚS-CE. In: II CONEXÃO COMCIÊNCIA COMPARTILHANDO SABERES EM TEMPOS DE NEGACIONISMO CIENTÍFICO, 2021, Crateús-Ceará. ANÁLISE FÍSICO-QUÍMICA E MICROBIOLÓGICA DE ÁGUA DE POÇOS PARTICULARES E PÚBLICOS DA CIDADE DE CRATEÚS-CE, 2021.

  • LACERDA JUNIOR, O. S. . Produção de Carvão Ativado de Borra de café para tratamento de Resíduo de aula de Laboratório de Química.. In: Congresso OnLine Nacional de Química, 2020, Rondônia. II Congresso Online Nacional de Química, 2020.

  • LACERDA JUNIOR, O. S. ; tatyany Greyka sousa de lima ; SOARES, A. R. ; Anchieta. D . Análise Físico-química da água residual dos postos Lava jato da Cidade de Crateús-Ceará. In: II Semana da Química e Meio Ambiente de Camocim, 2018, CAMOCIM. II Semana da Química e Meio Ambiente de Camocim, 2018.

  • LACERDA JUNIOR, O. S. ; SARAIVA, Rita de Cássia Guedes ; PORTELA, Cíntia Nicácio ; QUIGNARD, Etienne Louis Jacques ; NUNAMURA, Sergio Massayoshi ; POHLIT, Adrian Martin ; TADEI, Warderli Pedro ; PINTO, Ana Cristina da Silva . Avaliação de Atividade Citotóxica e Larvicida de Três Espécies da Família Simaroubaceae. In: 26 Reunião da Sociedade Brasileira de Química, 2003, Porços de Caldas. Sociedade Brasileira de Química. Porços de Caldas: Sociedade Brasileira de Química, 2003. v. 26. p. 000-000.

  • LACERDA JUNIOR, O. S. ; SARAIVA, Rita de Cássia Guedes ; CEDEIRA, Júlio Fábio de Sousa ; PEDROSA, Andresa C. S. ; GOMES, Erika de Oliveira ; PORTELA, Cíntia Nicácio ; PINTO, Angelo da Cunha ; POHLIT, Adrian Martin ; QUIGNARD, Etienne Louis Jacques ; NUNOMURA, Sergio Massayoshi ; TADEI, Warderli Pedro . Estudo fitoquímico e Atividade Biológica das Especies da Família Simaroubaceae. In: I Workshop de Química da Ufam, 2002, Manaus. Universidade Federal do Amazonas, 2002. v. 000. p. 000-000.

  • LACERDA JUNIOR, O. S. ; Cavlacanti, R. M ; de Matos, T. M ; Venâncio, J. B ; Barros, I.B. ; Veiga-Junior, V. F. ; Barros, I. C. L. . Síntese do material mesoporoso MCM-41 usando esponja de água-doce como fonte de sílica. QUÍMICA NOVA (ONLINE) , 2013.

  • LACERDA JUNIOR, O. S. . Esterification of oleic acid using 12-tungstophosphoric supported in flint kaolin of the Amazonia. Fuel (Guildford) , 2013.

  • LACERDA JUNIOR, O. S. . Aproveitamento de Resíduos Sólidos Industriais. 2018. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • DA SILVA LACERDA, ORIVALDO . Cromatografia em Camada Delgada. 2012. (Apresentação de Trabalho/Outra).

Outras produções

DA SILVA LACERDA, ORIVALDO . Reações de Identificação de Metabólicos Secundários. 2019.

DA SILVA LACERDA, ORIVALDO . Preparação Para Base para creme. 2019.

DA SILVA LACERDA, ORIVALDO . Preparação de Lambedora a Base de mel, alho e Andiroba. 2019.

DA SILVA LACERDA, ORIVALDO . Extração de Óleos vegetais de Café e Maracujá por extração em Soxhlet. 2019.

DA SILVA LACERDA, ORIVALDO . Contribuições da Monitoria para o Processo de Ensino Aprendizagem: Relatos de Experiências nos Cursos de Graduação da UECE. 2020. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).

DA SILVA LACERDA, ORIVALDO . frutas liofilizadas para consumo no exterior. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

DA SILVA LACERDA, ORIVALDO . frutas liofilizadas para o exterior. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

LACERDA JUNIOR, O. S. . PRODUÇÃO DE CARVÃO ATIVADO A PARTIR DO RESÍDUO DA BORRA DE CAFÉ E TRATAMENTO DE ÁGUAS RESIDUAIS INDUSTRIAIS. 2018. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

DA SILVA LACERDA, ORIVALDO . Informatica Aplicada ao Ensino de Quimica-TIC. 2018. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

DA SILVA LACERDA, ORIVALDO . Produção de carvão Ativado A Partir de Borra de Café Residual Para Adsorção de Efluente de Laboratório de Química.. 2018. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

DA SILVA LACERDA, ORIVALDO . Formação de Tutores a Distância ? Módulo Introdutório. 2018. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

LACERDA JUNIOR, O. S. . Formação em EaD. 2018. .

Projetos de pesquisa

  • 2021 - 2022

    CORREDORES DIGITAIS E CLUSTERS ECONÔMICOS DE INOVAÇÃO, Descrição: O Programa Clusters Econômicos de Inovação é uma ação conjunta das Secretarias do Desenvolvimento Econômico e Trabalho (Sedet), da Ciência e Tecnologia e Educação Superior (Secitece), e suas vinculadas Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico (Funcap) e Agência de Desenvolvimento do Estado do Ceará (Adece).O Programa Corredores Digitais, uma iniciativa do Governo do Estado, por meio da Secretaria da Ciência, Tecnologia e Educação Superior (Secitece), une-se ao Programa Clusters Econômicos de Inovação, com objetivo de aumentar a competitividade das empresas e maior desenvolvimento econômico das macrorregiões do Estado do Ceará, e lança um edital para apoiar projetos de empreendedorismo inovador. As inscrições estarão abertas a partir do dia 15 de julho e seguem até o dia 15 de setembro.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Especialização: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Orivaldo da Silva Lacerda Junior - Coordenador / francisco Elton Siqueira Junior - Integrante / Karina Albuquerque - Integrante / Vinício Melo Rodrigues - Integrante / Maria Elayny Bernardino Carvalho - Integrante.

  • 2020 - 2021

    Síntese de Catalisadores Ácidos Mesoporosos a partir de Sílica de Casca de Arroz (CCA) suportada com Zircônia Sulfatada para produção de Biodiesel e biolubrificante., Descrição: Atualmente, a reciclagem de resíduos agrícolas e agro-industrial vem ganhando espaço cada vez maior, tanto pelo fato dos resíduos constituírem uma matéria-prima de baixo custo, como também pela minimização dos efeitos da degradação ambiental, decorrentes de atividades industriais e urbanas que estão atingindo níveis cada vez mais alarmantes. Uma matéria-prima alternativa de baixo custo para a produção de catalisadores heterogêneos e a cinza da casca de arroz(CCA), durante o processo agro-industrial do arroz são extraídos o arroz, os quais compõem à alimentação humana,permanecendo a casca do arroz, um resíduo rico em sílica para produção de catalisadores MCM-41. Outro resíduo em potencial é o óleo de soja muito utilizado em frituras, porém, após seu uso é um resíduo indesejável, podem contaminar rios e solo, no entanto, uma excelente fonte de baixo custo para produção de biodiesel e biolubrificante. O presente projeto propõe o aproveitamento do resíduo da CCA para produção de catalisadores heterogêneos mesoporosos tipo MCM-41 com elevada área superficial suportando sítios ácidos tais como zircônio sulfatada na catalise para a produção de biodiesel e/ou biolubrificantes a partir de óleos residuais de frituras.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Orivaldo da Silva Lacerda Junior - Coordenador / Geovane Gomes Ferreira - Integrante.

  • 2017 - 2018

    Cultivo e Extração de óleos essências de Melissa oficinalis (Erva cidreira), Cymbopogon citratus (Capim limão) e Piper aduncum (Pimenta de macaco) para produção de bioprodutos com atividade inseticida e repelente no combate ao mosquito Aedes aegypt na Cid, Descrição: Atualmente as três arboviroses de maior importância tem demostrado alarmante preocupação a saúde pública são a dengue (DEN), Chikungunya (CHIK) e Zika vírus (ZIKA), sendo estas capazes de ser transmitido pelo mesmo vetor o Aedes aegypti. No Estado do Ceará no município de Crateús têm sido notificadas diversas epidemias, principalmente de Chinkungunya com 1531 casos apenas em 2016, com a inexistência de uma vacina e mesmo com os esforços da prefeitura no controle a essas doenças os números de casos só vêm aumentando. Neste sentido, nossa proposta neste projeto é o cultivo de espécies de plantas da região (Erva Cidreira, Capim santo e Piper) em parceria com a Secretaria de Meio Ambiente de Crateús, para extração de óleos essências para a produção de repelentes e inseticidas com baixo custo para distribuição à população mais carente do município de Crateús por meio das ações de prevenção e controle executadas pela secretaria de saúde do município de Crateús.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (1) / Doutorado: (3) . , Integrantes: Orivaldo da Silva Lacerda Junior - Coordenador / Tatyany Greyka Sousa de Lima - Integrante / Daniela Anchieta - Integrante / Shirliane de Araujo Sousa - Integrante / Raimundo Nonato Costa Ferreira - Integrante / Francisca Eliane Paiva Carvalho - Integrante.

  • 2017 - 2018

    Análise Físico-química da água residual dos postos Lava jato da cidade de Crateús e tratamento de efluentes via adsorção com Carvão ativado e MCM-41, Descrição: A cidade de Crateús possui inúmeros postos de Lava jato, que em sua maioria não apresentam licenciamento ambiental. Esse tipo de atividade comercial consome enormes quantidades de água tratada e despeja uma quantidade também considerável de resíduos sólidos e efluentes líquidos tóxicos, sendo este o maior agravante. Após o processo de lavagem automotiva, a água utilizada na atividade arrasta óleos, graxas, resíduos de combustível, resíduos sólidos derivados do processo de combustão e metais pesados produzidos pela fuligem dos freios. Além disso, os produtos de limpeza utilizados possuem potencial poluídor por serem surfactantes derivados de petróleo. Essa água residual, sem tratamento prévio causa poluição na rede de esgoto e lençóis freáticos. Diante disso, o projeto visa fazer um levantamento a cerca dos postos de Lavagem de automotores em atividade na cidade de Cratéus, Analisar as características físico-químicas dos efluentes líquidos antes e depois da filtração de acordo com parâmetros de qualidade baseados na resolução 430/2011 do CONAMA. Sugerir um plano de tratamento viável para reutilização da água. O procedimento se baseia em um tratamento do efluente residual por filtrações combinadas como filtro de areia, seguido de filtro de carvão ativado, seguido de filtração com material mesoporosos tipo MCM-41.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Orivaldo da Silva Lacerda Junior - Coordenador / Tatyany Greyka Sousa de Lima - Integrante / Daniela Anchieta - Integrante.

  • 2015 - 2016

    Novas substâncias antimaláricas com potencial de droga a partir da flora Amazônica (CNPq 312042/2014-0), Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Adrian Martin Pohlit em 10/07/2017., Descrição: Serão realizados estudos fitoquímicos inéditos com plantas (antimaláricas utilizadas na medicina tradicional local) que, de acordo com estudos preliminares no LAPAAM, exibem extratos com comprovada atividade antiplasmódica in vitro ou in vivo em modelo de roedor. Os isolamentos de substâncias desses extratos ativos deverão ser bioguiados utilizando screening in vitro para atividade antiplasmódica para garantir o isolamento dos princípios ativos antimaláricos. Substâncias com atividade in vitro contra cepas padronizadas de Plasmodium falciparum serão testadas in vivo em malária de roedores (Plasmodium berghei e P. yoelii). Substâncias que tem atividade significativa in vitro e in vivo nesses ensaios deverão ser testadas contra cepas clínicas (diretamente obtidas de pacientes) de P. falciparum e P. vivax (cultura limitada) da FMT-HVD. Também, entre vários métodos já dominados a nível experimental pelos colaboradores desse projeto para avaliar a transmissão de Plasmodium spp. [P. falciparum, P. vivax (de sangue humano), P. berghei (de ratos), P. gallinaceum (de galinhas)], deve ser aprimorado método que permitirá testar diversos produtos naturais isolados de plantas antimaláricas, com a finalidade de descobrir novas substâncias gametocidas e de bloqueio de transmissão da malária. Também, substâncias deverão ser testadas em colaboração para estabelecer sua atividade contra a formação de oocistos (etapa sexuada do Plasmodium, no mosquito) e também para avaliar seus efeitos anti-esporozoítos e contra a infecção hepática da malária. O metabolismo das substâncias antimaláricas deverá ser estudado em células hepáticas (HepG2) inclusive a parte de expressão gênica para avaliar a resposta do Plasmodium às substâncias. Também, o metabolismo das substâncias por HepG2 ou outros métodos, deverá ser estudado em sistemas in vitro e in vivo. Também, deverá ser estudada a farmacocinética das substâncias mais promissoras. A finalidade desse projeto é de descobrir novas substâncias antimaláricas com potencial uso como drogas, a partir das plantas Amazônicas utilizadas tradicionalmente contra a malária. Especificamente, objetiva-se isolar 4-nerolidilcatecol da raiz de Piper peltatum, os quassinóides isobruceina B e neosergeolida e alcaloides de Picrolemma sprucei, elipticina de Aspidosperma vargasii, 6-acetoxigedunina e outros limonóides de Carapa guianensis, similikalactonas e alcaloides de Quassia amara. Em estudos fitoquímicos inéditos no LAPAAM, pretende-se também isolar novas substâncias antimaláricas de Aspidosperma, Bonamia, Couma, Croton, Geissospermum, Xylopia, Zanthoxylum spp.. A partir de substâncias cujo isolamento já é efetuado em escala de dezenas a centenas de miligramas (4-nerolidilcatecol, elipticina, quassinóides e limonóides) ou substâncias naturais comercializados (substâncias indólicas comerciais), deverão ser preparados derivados semi-sintéticos. Os extratos e frações de plantas e substâncias isoladas deverão ser testados primeiramente para atividade antiplasmódica in vitro contra P. falciparum. Posteriormente, as amostras ativas deverão ser testadas para atividade antiplasmódica in vivo em modelo de roedor e deve ser efetuada avaliação toxicológica das amostras mais promissoras. Em colaboração com grupos das áreas de entomologia, entomologia médica e parasitologia da FMT-HVD, deverá ser desenvolvido modelos para avaliar a atividade anti-gametocida e de bloqueio de transmissão de Plasmodium para mosquitos por parte de antimaláricos comerciais, bem como os produtos naturais purificados e seus derivados. Também em colaboração multi-disciplinar, deverá ser desenvolvido modelo para testar atividade anti-esporozoito de Plasmodium em hepatócitos de antimaláricos comerciais e das substâncias purificadas de plantas e seus derivados semi-sintéticos. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (8) / Doutorado: (4) . , Integrantes: Orivaldo da Silva Lacerda Junior - Integrante / Adrian Martin Pohlit - Coordenador.

  • 2015 - 2016

    Frutas amazônicas para consumo no Exterior, Descrição: A empresa trabalhará com frutas amazônicas que serão comercializadas em forma de pó após serem liofilizadas. O aspecto inovador está no processo de Liofilização. Esta técnica utiliza "Sublimação" na desidratação da polpa sem perda das propriedades nutritivas que seriam destruídas na "Evaporação". O índice de água extremamente reduzido inibe a ação dos microorganismos e das enzimas que normalmente estragariam ou degradariam os nutrientes. O resultado é um produto totalmente natural, altamente nutritivo e sensorial, sem aditivos ou conservantes. Ideal para clientes que buscam uma suplementação alimentar saudável, com alto valor nutritivo e energético 100% natural. A indústria farmacêutica poderá também ser beneficiada pois são considerados como nutracêuticos, com menor perecibilidade, maior prazo de validade e maior estabilidade. Outros benefícios proporcionados são a manutenção das propriedades organolépticas das frutas, facilidade de armazenamento, transporte e exportação por não necessitar de refrigeração. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Orivaldo da Silva Lacerda Junior - Coordenador / Júlio Fábio de Sousa Cedeira - Integrante / Tatyany Greyka de Lima Lacerda - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1

  • 2015 - 2016

    SÍNTESE DE CATALISADOR MESOPOROSO MCM-41 A PARTIR DE SÍLICA RESIDUAL COMO FONTE DE SÍLICA, Descrição: Neste projeto, a peneira molecular MCM-41 foi sintetizada a partir do reaproveitamento de sílica gel (sílica residual) utilizada em separação de metabólicos secundários em diferentes composições molares de SiO2:NaOH na razão molar de 2:1, 2;2 e 2:3 e em três diferentes temperaturas num total de 9 amostras. A motivação deste trabalho deve se as propriedades interessantes que a MCM-41 apresenta tais como: altos valores de área superficial e volume de poros. A recuperação da sílica residual deu-se a partir da calcinação a 550 °C, lavagem com água destilada para remoção de resíduos. A peneira MCM-41 foi obtida a partir de processo hidrotérmico em um período de 3 °dias. O material obtido foi caracterizado por difração de raios X (DRX), espectroscopia na região do Infravermelho (FT-IR) e microscopia eletrônica de varredura (MEV). A análise de DRX confirmaram a formação das principais fases da MCM-41. O aumento da quantidade de Hidróxido de Sódio (NaOH) resultou no deslocamento moderado dos picos do DRX. As amostras tiveram parâmetro de rede da cela unitária de aproximadamente de 4,82 nm, sem variação significativas nos valores calculados e que estão de acordo com os valores encontrados na literatura. Os espectros de infravermelho mostraram a presença dos principais grupos da peneira molecular e a remoção do agente direcionador após a calcinação da MCM-41 foram eficientes. Os resultados confirmam que a peneira molecular do tipo MCM-41 possui estrutura hexagonal típica nas três diferentes variações de hidróxido de sódio.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Orivaldo da Silva Lacerda Junior - Coordenador / Dayane Isabelita Santos Lacerda - Integrante / BLENDA NUNES DA SILVA - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa., Número de produções C, T & A: 2

  • 2014 - 2016

    MOLECURA-Micromoléculas Antimaláricas de Espécies Nativas e Resíduos Amazônicos (CNPq 461971/2014-3), Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Adrian Martin Pohlit em 10/07/2017., Descrição: A Amazônia é região endêmica da malária e conta com 99% dos casos brasileiros. Devido à resistência crescente de Plasmodium vivax e P. falciparum aos antimaláricos disponíveis, é urgente a necessidade de descobrir novas drogas. Os antimaláricos mais utilizados (quinolínicos e derivados da artemisinina) devem sua origem a micromoléculas (quinina e artemisinina, respectivamente) obtidas de plantas antimaláricas utilizadas na medicina tradicional. Nos últimos anos, o Laboratório de Princípios Ativos da Amazônia (LAPAAM) do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (INPA) vem revelando flora Amazônica com atividade antimalárica in vitro e in vivo. Este grupo estuda o cultivo para garantir matéria-prima em escala apropriada (Piper peltata, P. aduncum, etc.). Também, aproveitam-se resíduos vegetais (Carapa spp.) para isolamento de substâncias antimaláricas. Essa abordagem já rendeu a descoberta da atividade antimalárica in vivo em modelo roedor da elipticina, 6-acetoxigedunina e derivado do 4-nerolidilcatecol (4-NC). Para entender melhor a relação atividadeestrutura, é necessário investigar a atividade antimalárica in vitro e in vivo de alcaloides indólicos (derivados do carbazol, da harmalina, etc.), phenylpropanoids (4-NC, dilapiol e derivados) e limonóides (derivados da gedunina), entre outras. No presente Projeto, aproveitando nova infraestrutura de biotério, laboratório temático de química de produtos naturais (LTQPN) no INPA e triagem prévia efetuada para atividade antimalárica in vitro e in vivo, extratos de Xylopia, Croton e Bonamia spp., entre outras, sofrerão fracionamento bioguiado e isolamento dos seus princípios antimaláricos. Também, 4-NC, 6-acetoxigedunina e dilapiol serão extraídos de plantas em escala de grama ou multigrama. Também, serão preparados derivados dessas últimas, bem como alcaloides indólicos como elipticina, carbazol, harmalina, entre outros com a finalidade de otimizar sua atividade antiplasmódica in vitro e in vivo. O objetivo geral é de apresentar substâncias antimaláricas novas a partir de plantas Amazônicas e seus resíduos. Estas substâncias novas, disponíveis em escala, poderão ser lideres para o desenvolvimento de novos antimaláricos. OBJETIVO-Objetivo Geral: Descobrir substâncias antimaláricas novas a partir de plantas Amazônicas e seus resíduos. Objetivos Específicos: Isolar novas substâncias antimaláricas a partir de Xylopia, Croton e Bonamia spp., entre outras, por fracionamento bioguiado; Extrair 4-NC, 6-acetoxigedunina, neosergeolida, isobruceina B e dilapiol em escala de grama ou multi-grama para a preparação de derivados semi-sintéticos e estudos in vitro e in vivo de atividade antimalárica dos derivados. Preparar substâncias indólicas novas a partir de elipticina, carbazol, harmalina, entre outros com a finalidade de explorar ou otimizar sua atividade antimalárica. Descobrir e comprovar a eficácia antimalárica de compostos naturais e semi-sintéticos através de modelos de atividade antimalárica in vitro com P. falciparum e P. vivax, e in vivo em camundongos infectados com P. berghei. Domesticar e cultivar espécies antimaláricas da flora nativa brasileira e gerar dados sobre sua produtividade de biomassa e substâncias antimaláricas em escala (Picrolemma sprucei, Bonamia ferruginea, Piper marginatum, Piper aduncum, Piper peltatum, etc.). RELEVÂNCIA- Comprovação da atividade antimalárica in vitro, seguidade provas de atividade in vivo são etapas usuais no desenvolvimento de novas drogas para a malária.Essas informações geradas nesse Projeto sobre espécies vegetais nativas contribuirão para a ciência de etnofarmacologia.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (6) / Mestrado acadêmico: (6) / Doutorado: (8) . , Integrantes: Orivaldo da Silva Lacerda Junior - Integrante / Adrian Martin Pohlit - Coordenador / Wanderli Pedro Tadei - Integrante / Luiz francisco rocha e silva - Integrante.

  • 2011 - 2015

    NOSSAPLAM-Núcleo de Novas Safras e Substâncias Ativas em Escala Multigrama de Plantas Amazônicas (FAPEAM/PRONEX), Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Adrian Martin Pohlit em 10/07/2017., Descrição: Serão feitas pesquisas agronômicas, químicas e farmacológicas nas cadeias rodutivas de algumas espécies vegetais. As espécies vegetais possuem estudos biológicos e/ou químicos prévios que demonstram seu potencial medicinal no combate à malária humana e no combate a mosquitos vetores de doenças regionais como malária e dengue hemorrágica. Nos trabalhos de propagação vegetal e cultivo, o interesse será em obter informações sobre a sazonalidade da produção de biomassa vegetal ao longo do ciclo de vida/cultivo. Também, a sazonalidade da produção de insumos químicos (extratos, óleos essenciais, princípios ativos importantes) por essas espécies ao longo do ciclo de vida/cultivo deverá ser estudada utilizando métodos laboratoriais usuais, bem como caracterização e quantificação por CLAE-DAD, CLAE-Indice de Refração (com equipamento a ser adquirido pelo Núcleo na atual proposta) e LC-ESI-HRMS. Em paralelo, deverão ser efetuados estudos sobre o isolamento de princípios ativos em escala de grama e multi-grama a partir dessas espécies e de outras espécies cujos cultivos ou cadeias produtivas já foram estabelecidos em trabalhos anteriores. A partir de princípios ativos isolados serão preparados derivados semi-sintéticos utilizando transformações químicas. Os extratos, substâncias isoladas e seus derivados semi-sintéticos serão testados para atividade antimalárica (in vitro e in vivo contra Plasmodium spp.), larvicida e adulticida em mosquitos (em Aedes e Anopheles) e algumas outras atividades biológicas, como citotóxica, antioxidante, hemolítica com a finalidade de caracterizar seu potencial de utilidade. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (10) / Doutorado: (7) . , Integrantes: Orivaldo da Silva Lacerda Junior - Integrante / Adrian Martin Pohlit - Coordenador / Wanderli Pedro Tadei - Integrante / Ana Cristina Da Silva Pinto - Integrante / Luiz francisco rocha e silva - Integrante.

  • 2008 - 2010

    Avaliação do potencial da borra ácida de óleo vegetal para obtenção de combustível alternativo, Descrição: O projeto visa contribuir, principalmente, no desenvolvimento de uma metodologia de tratamento dos resíduos de óleos vegetais para fins energéticos, propondo cooperar e consolidar o domínio das tecnologias de produção de biocombustíveis na região Amazônica.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Orivaldo da Silva Lacerda Junior - Integrante / Ivoneide de Carvalho Lopes Barros - Coordenador / Geraldo Narciso da Rocha Filho - Integrante / Cristiane Mota dos Santos - Integrante., Financiador(es): Catálise Heterogênia de Óleos Vegetais - Auxílio financeiro.

  • 2003 - 2004

    Estudo Fitoquímico e Biomonitorado de Simarouba Amara, Descrição: Atividades e treinamento relacinado ao projeto ATACA-Malaria (PNOPG/CNPq 2001). , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Orivaldo da Silva Lacerda Junior - Coordenador.

  • 2002 - 2003

    Avaliação de Atividade Citotóxica de três Espécies Amazonicas da Família Simaroubaceae, Descrição: Atividades e treinamento relacionao ao projeto ATACA-MALARIA (PNOPG/CNPq 2001). , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Orivaldo da Silva Lacerda Junior - Coordenador.

Histórico profissional

Endereço profissional

  • Universidade Estadual do Ceará, Centro de Ciências e Tecnologia. , Rua José Sabóia livreiro s/n, Fátima I, 69060000 - Crateús, CE - Brasil, Telefone: (88) 36910822, URL da Homepage:

Experiência profissional

2019 - 2020

Faculdades de Enfermagem Nova Esperança

Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor, Carga horária: 12

Outras informações:
Lecionando as disciplinas: Farmacognosia e Famarcognosia e Fitoterapia.

2017 - 2019

Universidade Estadual do Ceará

Vínculo: Professor Visitante, Enquadramento Funcional: professor, Carga horária: 40

2018 - 2018

IFCE Campus Camocim

Vínculo: Professor Visitante, Enquadramento Funcional: professor, Carga horária: 40

2018 - 2019

Faculdade Princesa do Oeste

Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor, Carga horária: 10

Outras informações:
Professor do Curso de Direito, lecionando a disciplina de metodologia do trabalho cientifico e realização de pesquisa.

2011 - 2015

Centro Universitário do Norte

Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Professor, Carga horária: 12

Atividades

  • 04/2011

    Ensino, Farmácia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Química Analitica, Química Geral, Química Orgânica, Química Orgânica Experimental

2014 - 2016

Fundação Centro de Análise Pesquisa e Inovação Tecnológica

Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor titular, Carga horária: 40

2013 - 2016

INPA

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: bolsista PCI/INPA, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

2003 - 2008

INPA

Vínculo: bolsista, Enquadramento Funcional: Outro, Carga horária: 20

Atividades

  • 08/2013