Alicia Matijasevich Manitto

Graduada em Medicina pela Universidade de la República, Uruguai, em 1992, com especialização em Pediatria e Neonatologia. Tem mestrado (2000) e doutorado em Epidemiologia (2005) pela Universidade Federal de Pelotas (UFPel). No ano 2007 realizou estágio pós-doutoral no Departamento de Medicina Social da Universidade de Bristol, Inglaterra. Professora Associada do Departamento de Medicina Preventiva da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP). Membro do Comitê Científico do Núcleo de Ciência pela infância (NCPI). Atua também como Professora Colaboradora do Programa de Pós-Graduação em Epidemiologia da UFPel. Áreas de pesquisa: saúde materna e da criança, desigualdades em saúde e estudos do ciclo vital. Pesquisadora Bolsista do CNPQ PQ ?1C.

Informações coletadas do Lattes em 06/02/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em Epidemiologia

2001 - 2005

Universidade Federal de Pelotas
Título: Fatores de risco de morte fetal: estudo de casos e controles populacional em Montevidéu, Uruguai.
Fernando Celso Barros. Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Palavras-chave: obito fetal.Grande área: Ciências da Saúde

Mestrado em Epidemiologia

1999 - 2000

Universidade Federal de Pelotas
Título: Factores de riesgo maternos para MBPN y atención de salud en el Sector Público de Montevideo-Uruguay,Ano de Obtenção: 2000
Fernando Celso Barros.Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.

Especialização - Residência médica

1998 - 1999

Centro Uruguaio de Perinatologia
Residência médica em: NeonatologiaNúmero do registro: . Bolsista do(a): Centro Uruguaio de Perinatologia, CUP, Uruguai.

Especialização - Residência médica

1994 - 1997

Centro Hospitalar Pereira Rossell
Residência médica em: PediatriaNúmero do registro: . Bolsista do(a): Ministério de Saúde Pública, MSP, Uruguai.

Especialização em Neonatologia

1999 - 2002

Facultad de Medicina Universidad de La República

Graduação em Doctor en Medicina

1984 - 1992

Universidad de la ROU - Facultad de Medicina

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Pós-doutorado

2016

Livre-docência. , Universidade de São Paulo, USP, Brasil. , Título: Desigualdades em saúde e transtornos mentais: contribuições da Epidemiologia do Ciclo Vital, Ano de obtenção: 2016., Palavras-chave: epidemiologia; desigualdades em saúde; estudos de coorte; saúde mental.

2007 - 2007

Pós-Doutorado. , University of Bristol, UOB, Grã-Bretanha. , Bolsista do(a): Wellcome Trust, WT, Grã-Bretanha. , Grande área: Ciências da Saúde, Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Saúde Materno-Infantil. , Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Saúde Coletiva / Subárea: Saúde Pública.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2019 - 2019

Certificate in EMI Sills - English as a Medium of Instruction. (Carga horária: 56h). , University of Cambridge, CAM, Inglaterra.

2017 - 2017

Curso de introdução à modelagem de equações estruturais. (Carga horária: 40h). , Universidade Federal de São Paulo, UNIFESP, Brasil.

2016 - 2016

Executive Leadership program i Early Childhood Development. (Carga horária: 100h). , Harvard University - Center on the Developing child, UH, Estados Unidos.

2015 - 2015

Oficina - Objetivos educacionais. (Carga horária: 2h). , Universidade de São Paulo, USP, Brasil.

2015 - 2015

Treinamento do Ox-NDA. (Carga horária: 20h). , Universidade Federal de Pelotas, UFPEL, Brasil.

2012 - 2012

Epigenetic Epidemiology. (Carga horária: 40h). , University of Bristol, BRISTOL, Inglaterra.

2012 - 2012

Basic Genetics and Genomics. (Carga horária: 13h). , University of Bristol, BRISTOL, Inglaterra.

2012 - 2012

Genetic Association Studies. (Carga horária: 13h). , University of Bristol, BRISTOL, Inglaterra.

2010 - 2010

Longitudinal Data Analysis: Multilevel Modelling. (Carga horária: 16h). , University of Bristol - Centre for Multilevel Modelling, CMM, Inglaterra.

2010 - 2010

Factor Analysis and Structural Equation Modeling. (Carga horária: 24h). , London School of Hygiene & Tropical Medicine, LSHTM, Inglaterra.

2007 - 2007

Genetics for Epidemiologists. (Carga horária: 16h). , University of Bristol, BRISTOL, Inglaterra.

2007 - 2007

Advanced Epidemiological and Statistical Methods. (Carga horária: 40h). , University of Bristol, BRISTOL, Inglaterra.

2007 - 2007

Methods for Dealing with data in Epidemiological S. (Carga horária: 24h). , University of Bristol, BRISTOL, Inglaterra.

2007 - 2007

Genetic Association Studies & Mendelian Randomisat. (Carga horária: 24h). , University of Bristol, BRISTOL, Inglaterra.

2007 - 2007

Analysis of Longitudinal (Cohort) Studies. (Carga horária: 16h). , University of Bristol, BRISTOL, Inglaterra.

2005 - 2005

Reproductive and Perinatal Epidemiology. (Carga horária: 40h). , Canadian Institute for Health Research, CIHR, Canadá.

2005 - 2005

Advanced Biostatistics for Epidemiology. (Carga horária: 24h). , Universidade Federal de Pelotas, UFPEL, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Espanhol

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Português

Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências da Saúde / Área: Saúde Coletiva / Subárea: Epidemiologia.

    Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Saúde Coletiva.

    Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Medicina.

    Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Perinatologia.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

MATIJASEVICH, A ; Pearson R. . Workshop: "Longitudinal analyses in life course epidemiology: analytic strategies and main methodological problems". 2017. (Outro).

MATIJASEVICH, A. ; Howe, Laura D. . Workshop: "Methods in longitudinal analysis". 2012. (Outro).

MATIJASEVICH, A. . Encontro: 20 anos do Programa de Pós-graduação em Epidemiologia da Saúde Materno-Infantil ao Ciclo Vital. 2011. (Outro).

MATIJASEVICH, A. . Workshop on cohort studies. 2010. (Outro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

World Health Summit 2019. WS 11 - How can Health Insurance Schemes Help to Develop Sustainable Health Systems in the BRICS countries?. 2019. (Congresso).

X Congresso Brasileiro de Epidemiologia. Condições sociais no início da vida e desenvolvimento cognitivo. 2017. (Congresso).

Improving the lives of children: a UNL-Brazil collaborative on early childhood research and practice. 2016. (Outra).

Life History Research Society. Maternal pre-pregnancy body mass index and mental disorders at 11 years of age: 2004 Pelotas birth cohort study. 2016. (Congresso).

Seminario internacional Bienestar infantil, prácticas de crianza y arreglos familiares.1) Transición nutricional y conducta obstétrica no Brasil y 2) Cohorte de nacimientos de Pelotas de 2004, RS, Brasil. 2015. (Seminário).

Workshop Comunicação e Pesquisa. 2015. (Outra).

4th International Symposium on Metabolic Programming and Stress and 1st Meeting of Ibero-American DOHaD Chapter.Strategies to assess causality in observational studies. 2014. (Simpósio).

World Health Summit Regional Meeting 2014. Increase in child behaviour problems among urban Brazilian four-year-olds: 1993 & 2004 Pelotas birth cohort studies. 2014. (Congresso).

15th International ESCAP Congress 2013. Increase in child behaviour problems among Brazilian preschoolers: A comparison of the 1993 and 2004 Pelotas birth cohorts. 2013. (Congresso).

I Fórum Brasileiro de Direitos Humanos e Saúde Mental.Depressão em adolescentes: estudo transversal de base populacional. 2013. (Outra).

IX Congresso Brasileiro de Atividade Física e Saúde. Associação entre prática de atividade física no lazer e hipertensão gestacional: evidências a partir da Coorte de Nascimentos de 2004, Pelotas, RS.. 2013. (Congresso).

10º Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva. Prevalência e fatores associados à depressão em adultos: estudo de base populacional. 2012. (Congresso).

21º Congresso de Iniciação Científica da UFPel. Estado nutricional associado à hospitalização no primeiro ano de vida: coorte de nascidos vivos de 2004, Pelotas, RS. 2012. (Congresso).

ALSPAC - the first 21 years conference. 2012. (Outra).

History Research Society Conference.Psychosocial determinants of behaviour problems among pre-school children from Brazil: data from the 2004 Pelotas cohort study. 2012. (Outra).

SLLS - Society for Longitudinal and Life Course Studies Conference, Childhood and beyond: tracing cohorts across the lifecourse.Maternal education inequalities in height growth trajectories in childhood:2004 Pelotas birth cohort study. 2012. (Outra).

XI Mostra da Produção Universitária - FURG. Hospitalização no primeiro ano de vida e consequências nutricionais em crianças - Coorte de 2004, Pelotas, RS. 2012. (Congresso).

XIV ENPOS - Encontro da Pós-graduação UFPel.Episódio depressivo maior e fatores associados em adultos: estudo de base populacional. 2012. (Encontro).

XXIV Jornada de Nutrição do Hospital de Clínicas de Porto Alegre.Avaliação do excesso de peso e do percentual de gordura corporal em crianças de escola privada de Pelotas, RS. 2012. (Outra).

7th World Congress on Developmental Origins of Health and Disease. .. 2011. (Congresso).

Encontro: 20 anos do Programa de Pós-graduação em Epidemiologia da Saúde Materno-Infantil ao Ciclo Vital.Participu do evento na qualidade de Debatedora na Mesa Redonda sobre Estudos do Ciclo Vital. 2011. (Encontro).

IEA World Congress of Epidemiology. Maternal education and height growth trajectories in childhood: 2004 Pelotas birth chohort study. 2011. (Congresso).

IV Congresso Gaúcho de Atualização em Pediatria e II Simpósio Sul Americano de Pediatria. Hábitos intestinais na infância. 2011. (Congresso).

Pré-Natal nas Unidades Básicas de Saúde do PET-Saúde UFPel.Indicadores de Pré-Natal ? comparação entre a rede pública e privada. 2011. (Encontro).

Seminário - Consorcio de Cohortes de América Latina y Crecimiento Saludable.Metodologia do estudo de Coorte de nascimentos de 2004, Pelotas, RS. 2011. (Seminário).

Seminários Avançados do Programa de Pós-Graduação em Saúde e Comportamento da Universidade Católica de Pelotas.Desigualdades na saúde materno infantil no Brasil. 2011. (Seminário).

VIII Congresso Brasileiro de Epidemiologia - Epidemiologia e as Políticas Públicas de Saúde. Participou do evento na qualidade de Avaliador Ad Hoc. 2011. (Congresso).

X Mostra da Produção Universitária - XX Congresso de Iniciação Científica. Diferenças socioeconômicas e raciais na prevalência de estatura baixa para idade aos 4 anos: dados da coorte de nascimentos de Pelotas de 2004. 2011. (Congresso).

XX Congresso de Iniciação Científica e III Mostra Científica da UFPel. Fatores associados à prevalência de déficit de altura para idade aos 4 anos na Coorte de Pelotas de 2004. 2011. (Congresso).

Cohort Harmonization Meeting.2004 Pelotas Cohort study. 2010. (Encontro).

Encontro de Perinatologia. 2010. (Encontro).

VII Reunión Internacional de Medicina Neonatal y del Desarrollo.Hábito de fumar durante el embarazo y consecuencias a largo plazo en la salud de los hijos.. 2010. (Outra).

Workshop on Cohort Studies. 2010. (Oficina).

6th World Congress on Developmental Origins of Health and Disease. Maternal Smoking during Pregnancy and Offspring Growth in Childhood: 1993 and 2004 Pelotas Cohort Studies. 2009. (Congresso).

IX Congresso Brasieiro de Saúde Coletiva. Inequalities in Maternal Postnatal visits among Public and Private Patients: 2004 Pelotas Birth Cohort Study. 2009. (Congresso).

Jornada Integrada de Pediatria de Pelotas.Prematuridade nas coortes: Risco de nascer. 2009. (Outra).

XXVII Congreso Uruguayo de Pediatría III Congreso Uruguayo de Neonatalogía II Congreso Uruguayo de Enfermería Pediátrica V Jornadas del Pediatra Joven del Cono Sur XXII Congreso de Adolescencia Comités ALAPE. Recién Nacido Pretérmino Tardío. 2009. (Congresso).

XXVII Congreso Uruguayo de Pediatría III Congreso Uruguayo de Neonatalogía II Congreso Uruguayo de Enfermería Pediátrica V Jornadas del Pediatra Joven del Cono Sur XXII Congreso de Adolescencia Comités ALAPE. Seguimiento en el RN de Riesgo. 2009. (Congresso).

1ª Conferência Municipal sobre Redução da Mortalidade Infantil - Educação e conhecimento prá vida.Pelotas, RS: Desafios na luta pela sobrevivência infantil. 2008. (Outra).

2nd International Workshop on advances in the use of biomarkers in the context of children´s environmental health. 2008. (Congresso).

Seminário Belo Horizonte pelo Parto Normal.Riscos da cesariana sem indicação precisa. 2008. (Seminário).

XVIII Congresso Mundial de Epidemiologia / VII Congresso Brasileiro de Epidemiologia. Association of socioeconomic position with maternal and infant health outcomes in birth cohort studies from Brazil and the UK (1964). 2008. (Congresso).

International Conference on "In the Developing World".Pelotas Birth Cohort Study: screening of children with suspicion of developmental delay. 2007. (Outra).

1ª Mostra Nacional de Saúde da Criança.Ações para Redução da Mortalidade Infantil na cidade de Pelotas. 2006. (Outra).

6 Mostra Nacional de Experiências Bem-sucedidas em Epidemiologia, Prevenção e Controle de Doenças. 2006. (Outra).

8° Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva - 11° Congresso Mundial de Saúde Pública. Desigualdades raciais na mortalidade infantil: comparação de três coortes de nascimentos da cidade de Pelotas, Brasil. 2006. (Congresso).

Estudos de Coorte na Consolidação da Pós-graduação. 2006. (Encontro).

18th International Congress of Nutrition. Maternal Obesity and Antepartum Fetal Death: A Population-Based Study in Uruguay. 2005. (Congresso).

5ª Mostra Nacional de Experiências Bem-sucedidas em Epidemiologia, Prevenção e Controle de Doenças. 2005. (Outra).

Advanced Biostatistcs for Epidemiology. 2005. (Oficina).

VI Congresso Brasileiro de Epidemiologia. Fatores de Riesgo de Muerte Fetal em la Ciudad de Montevideo, Uruguay. 2004. (Congresso).

Curso Epi Info 2002. 2003. (Outra).

Curso Internacional de Epidemiologia Ocupacional. 2003. (Outra).

Taller de Vigilancia Epidemiológica sobre IRA en la Regional Este.Taller de Vigilancia Epidemiológica sobre IRA en la Regional Este. 2003. (Outra).

XXXVI Jornada de Capacitación Regional 2003.Vigilancia Epidemiológica de las IRAs en el Niño: ano 2003. 2003. (Outra).

Estudio de Carga de Enfermedad da las Neumonias del Nno en Paysandú y Salto.Conclusiones: beneficios y perspectivas. 2002. (Outra).

Perfeccionamiento Clínico en el Área de Odontopediatría.Medicina Basada en la Evidencia. 2002. (Outra).

Taller de Actualización en Diagnóstico Epidemiológico, Manejo y Tratamiento de Brucelosis Bovina y Humana. 2002. (Oficina).

Amostragem em Inquéritos Populacionais. 2001. (Oficina).

XXXIX Reunión de la Sociedad Latinoamericana de Investigación Pediátrica.Maternal Risk Factors Associated with Very Low Birthweight (<1500g, VLBW) and Birthweight Between 1500-2499g. 2001. (Outra).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

Aluno: Natércia Regina Mendes Silva

Costa, FTM; Ferreira, MU; Marinho, CRF;MATIJASEVICH, ALÍCIA. Associação dos níveis séricos de sFLT-1, proteína C reativa (PCR) e leptina e a histopatologia da malária placentária por Plasmodium vivax. 2019. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em Biologia da Relação Patógeno-Hospedeiro) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Giovana Montoro Pazzini Watfe

SCAZUFCA, M.MATIJASEVICH, A; Brentani, H. P.; NICOLAU, S.M.. Incapacidade funcional em idosos cadastrados na Estratégia Saúde da Família nos municípios de São Paulo e Manaus: prevalência e fatores associados. 2019. Dissertação (Mestrado em Psiquiatria) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Tiago Carnevale Gonçalves

Conde, L. W.; FRANCA JUNIOR, I.; Martins, P.A.;MATIJASEVICH, A. Fatores de risco e de proteção para doenças cronicas não transmissíveis na Policia Militar do Estado de São Paulo. 2019. Dissertação (Mestrado em Nutrição em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Paola Soledad Mosquera

Cardoso, M. A.; Venancio, SI;MATIJASEVICH, ALÍCIA; Carvalhaes, M. A.. Prevalência e fatores associados ao aleitamento materno exclusivo no primeiro mês de vida em Cruzeiro do Sul, Acre. 2018. Dissertação (Mestrado em Programa de Mestrado em Nutrição em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Caroline de Oliveira Gallo

Conde, L. W.; Pimentel, D.;MATIJASEVICH, ALÍCIA; LORET DE MOLA, CHRISTIAN. Aceleração do crescimento entre crianças e adolescentes de populações multiétnicas e suas evidências. 2018. Dissertação (Mestrado em Programa de Mestrado em Nutrição em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Anaclara Pincelli Cintra

Espinosa, FEM; BARGIERI, D. Y.;MATIJASEVICH, A.; Ferreira, MU. Malária na gestação na Amazônia Ocidental Brasileira: fatores associados e implicações para a saúde materno-fetal. 2018. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação Biologia da Relação Patógeno-Hospedeiro) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Leanndru Guilherme Pires Reis Sussmann

Cury AF;MATIJASEVICH, A.; Diniz, CSG. Associação entre dificuldades na esfera sexual no puerpério e violência por parceiro íntimo. 2017. Dissertação (Mestrado em Medicina (Medicina Preventiva)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Camila Zancheta Ricardo

Levy, R.B.;MATIJASEVICH, A; de Castro, I. R. R.. Padrões de comportamentos de risco e proteção relacionados a doenças cronicas não transmissíveis entre adolescentes brasileiros. 2017. Dissertação (Mestrado em Medicina (Medicina Preventiva)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Natália Motta Altoé

MENEZES, P. R.MATIJASEVICH, A.; Sato, APS. Associação entre sintomas depressivos e excesso de peso em adolescentes escolares: análise de inquéritos em 18 países. 2016. Dissertação (Mestrado em Medicina (Medicina Preventiva)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Mariana Vieira Cintra

Polanczyk, G. V.;MATIJASEVICH, A.; Hoexter, M. Q.; Noto, C. S.. Prevalência de experiências psicóticas na gestação e fatores de risco associados em uma amostra comunitária. 2016. Dissertação (Mestrado em Psiquiatria) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Ana Paula Ferreira Maia

Wang Yuan Pang;MATIJASEVICH, A.; ROCCA, C. C. A.; Caetano, S. C.. Manifestações psicopatológicas do transtorno bipolar com início na infância e na adolescência. 2015. Dissertação (Mestrado em Psiquiatria) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Bruno Pereira Nunes

TANAKA, O.;MATIJASEVICH, A; FACCHINI, L. A.. Acesso aos serviços de saúde em adolescentes e adultos na cidade de Pelotas, RS. 2012. Dissertação (Mestrado em Epidemiologia) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Everton José Fantinel

MATIJASEVICH, A.Tomasi, Elaine. Epidemiologia da Insônia segundo Gênero em Inquérito Populacional em uma cidade do Sul do Brasil. 2010. Dissertação (Mestrado em Epidemiologia) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Edilson Almeida de Oliveira

MATIJASEVICH, A.; Dâmaso, A.H.; Patussi, M.P.. Utilização de Medicamentos em Crianças da Coorte de Nascimentos de Pelotas, 2004 - RS. 2009. Dissertação (Mestrado em Saúde Coletiva) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

Aluno: Gisele Alsina Nader

SANTOS, I.MATIJASEVICH, A.; Stein, A.T.. Aumento na utilização de consultas ambulatoriais nos últimos 15 anos: comparação de dois estudos de base populacional. 2008. Dissertação (Mestrado em Epidemiologia) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: LEANDRO FORNIAS MACHADO DE REZENDE

Neto, JE;MATIJASEVICH, ALÍCIA; Wunsch, V.; Curado, M. P.. Atividade física e câncer: evidências epidemiológicas e perspectivas para prevenção do câncer no Brasil. 2019. Tese (Doutorado em Medicina (Medicina Preventiva)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Thaynã Ramos Flores Nunes

GONCALVES, H.; Dâmaso, A.H.;ASSUNCAO, M. C. F.MATIJASEVICH, A.MUNIZ, L. C.. Estado nutricional materno e amamentação: associação e relação com o estado nutricional da criança aos 12 e 24 meses de idade. 2019. Tese (Doutorado em Epidemiologia) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Wanêssa Lacerda Poton

GONCALVES, H.HORTA, B. L.MATIJASEVICH, A.; MOLA, C. L.. Aleitamento materno, problemas de comportamento e consumo de substâncias: coorte de nascimentos de 1993 de Pelotas, RS. 2017. Tese (Doutorado em Epidemiologia) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Lara Lívia Santos da Silva

Jaime, P. C.; Sami, R. O. S.;MATIJASEVICH, A.; de Souza F. I. S.; Cardoso, M. A.. Fortificação da alimentação complementar com múltiplos micronutrientes em pó na prevenção da anemia e no estado nutricional de vitamina A em crianças da Atenção Básica à Saúde. 2017. Tese (Doutorado em Nutrição em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Kelen Heinrich Schmidt

BARROS, A.J.D.; Dâmaso, A.H.;MATIJASEVICH, ALÍCIA; Jaime, P. C.;MONTEIRO, C. A.. Programa Bolsa Família na Coorte de Nascimentos de Pelotas, 2004: focalização e impactos no IMC/Idade, obesidade e composição corporal de crianças. 2016. Tese (Doutorado em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Lenice de Castro Muniz de Quadros

GIGANTE, D.P.MATIJASEVICH, A.; Kantorski, L. P.;TOMASI, E.. Mobilidade social e transtornos mentais em adultos jovens membros da coorte de nascimentos de Pelotas de 1982. 2016. Tese (Doutorado em Epidemiologia) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Bruno Pereira Nunes

Luis Augusto Facchini;CESAR, J. A.; Dias da Costa, J.S.;MATIJASEVICH, A. Multimorbidade em idosos: ocorrência, consequências e relação com a Estratégia Saúde da Família. 2015. Tese (Doutorado em Epidemiologia) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Catarina Machado Azeredo

MENEZES, P. R.; Moraes CL;MATIJASEVICH, A; Antunes JLF. Características individuais e contextuais associadas ao bullying entre escolares no Brasil. 2015. Tese (Doutorado em Medicina (Medicina Preventiva)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Edinilza Ribeiro dos Santos

MENEZES, P. R.; Tófoli, LFF;MATIJASEVICH, A; Fugimori, E. Prevalência de episódio de depressão maior em áreas de abrangência da estratégia saúde da família em dois municípios do Amazonas. 2015. Tese (Doutorado em Departamento de Medicina Preventiva) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Letícia Maria Silva Coutinho

MENEZES, P. R.; Alencar, GP; Peres, MFT;MATIJASEVICH, A.. Transtornos mentais comuns e contexto social: análise multinível do ?São Paulo ageing and health study (SPAH)?. 2014. Tese (Doutorado em Departamento de Medicina Preventiva) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Sabrina Martins Barroso

Guimaraes, MDC; Melo, APS; Ceccato, MG; do Nascimento, E; Lima, LA;MATIJASEVICH, A.. Depressão em adultos residentes em comunidades quilombolas de Vitória da Conquista (BA). 2014. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Saúde Pública) - Universidade Federal de Minas Gerais.

Aluno: Alitéia Santiago Dilélio

Luis Augusto Facchini;MATIJASEVICH, A; FASSA, A.;CAPILHEIRA, M.. Acesso e utilização da assistência médica ambulatorial ao adulto na rede de serviços de saúde do Brasil. 2014. Tese (Doutorado em Epidemiologia) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Maria Aurora Dropa Chrestani Cesar

SANTOS, I.S.Matijasevich, A. M.. Rápido ganho de peso e estatura nos primeiros anos de vida e adiposidade aos seis anos de idade entre crianças pertencentes à coorte de nascimentos de Pelotas de 2004. 2013. Tese (Doutorado em Epidemiologia) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Suele Manjourany Silva Duro

Luis Augusto Facchini;MATIJASEVICH, A.; FASSA, A.;DUMITH, S.. Aconselhamento a hábitos saudáveis recebidos de profissionais de saúde em 100 Municípios Brasileiros. 2013. Tese (Doutorado em Epidemiologia) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Luciana Anselmi Duarte da Silva

MATIJASEVICH, A.; Manfro, G. G.; Fleck, M. P. A.. Psicopatologia no início da adolescência: prevalência, continuidade e determinantes precoces. 2008. Tese (Doutorado em Ciências Médicas: Psiquiatria) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Aluno: Iândora Krolow Timm Sclowitz

MATIJASEVICH, A.SANTOS, I.S.. Fatores de risco para a ocorrência de baixo peso ao nascer em sucessivas gestações. 2007. Tese (Doutorado em Epidemiologia) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Ana Paula Ferreira Maia

Wang Yuan Pang; Vallada, H.;MATIJASEVICH, A.; Andrade, L.. Sintomas depressivos em escolares na cidade de São Paulo. 2019. Exame de qualificação (Doutorando em Psiquiatria) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Marciane Kessler

Thumé, E.; de Oliveira, CM; FACCHINI, L. A.; de Quadros, L. C.; DILELIO, A. S.;MATIJASEVICH, ALÍCIA. Mortalidade em idosos e fatores associados: estudo de coorte SIGABagé. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós-Graduação em Emfermagem) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Simone Farías Antúnez

SANTOS, I. S.MATIJASEVICH, A.. Depressão materna e amamentação e seus efeitos sobre a composição corporal da criança aos 10 anos. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Epidemiologia) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Raquel de Almeida Marques

MATIJASEVICH, A.; Bahia, L.; da Silva, F. M. B.. A regulação da cesariana na assistência médica suplementar. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Medicina (Medicina Preventiva)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: LEANDRO FORNIAS MACHADO DE REZENDE

MATIJASEVICH, A.; Szklo, M.; Wunch, V. F.. Inatividade física e câncer: da avaliação da evidência etiológica ao impacto na Saúde Pública. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Medicina (Medicina Preventiva)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Elsie Costa de Oliveira Forkert

Cardozo, M.; Fugimori, E;MATIJASEVICH, ALICIA MANITTO. A obesidade abdominal e a agregação de fatores de risco em adolescentes: um estudo multicêntrico. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Medicina (Medicina Preventiva)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Marcus Vinicius Nascimento Ferreira

Forjaz, CL; Fisberg, M.;MATIJASEVICH, A. Mensuração de níveis de gasto energético em crianças e adolescentes: validação de métodos para estudos epidemiológicos multicêntricos. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Medicina (Medicina Preventiva)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Tânia Aparecida de Araújo

Cardozo, M.; Venancio, SI;MATIJASEVICH, A. Determinantes do crescimento linear de crianças menores de dois anos de idade em Cruzeiro do Sul, Acre. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Wanêssa Lacerda Poton

MATIJASEVICH, AHORTA, B. L.; Gonçalvez, Helen. Aleitamento materno, problemas de comportamento e consumo de bebida alcoólica: coorte de nascimentos de 1993 de Pelotas, RS.. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Epidemiologia) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Lenice de Castro Muniz de Quadros

Matijasevich, AM; PINHEIRO, R.. Mobilidade social e saúde mental de adultos jovens membros da coorte de nascimentos de Pelotas de 1982. 2013. Exame de qualificação (Doutorando em Epidemiologia) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Everton José Fantinel

FACCHINI, L. A.;MATIJASEVICH, A.TOMASI, E.. Contribuições do Programa Bolsa Família e de diferentes padrões de renda no acesso às ações de saúde de qualidade no pré-natal e no pós-parto. 2013. Exame de qualificação (Doutorando em Epidemiologia) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Christian Loret de Molla Zanatti

MATIJASEVICH, A.. Determinantes biológicos precoces de depressão na vida adulta. 2012. Exame de qualificação (Doutorando em Epidemiologia) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Letícia Maria Silva Coutinho

MATIJASEVICH, A.MENEZES, P. R.. Transtornos mentais comuns e contexto social: análise multinível do São Paulo ageing and health study (SPAH). 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Medicina (Medicina Preventiva)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Fernando Wehrmeister

MATIJASEVICH, A; MACEDO, S.;MENEZES, A. M. B.. Distribuição da gordura corporal e função pulmonar: evidências de variáveis precoces sobre a função pulmonar de adolescentes aos 18 anos. Coorte de nascidos vivos, Pelotas, 1993. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Epidemiologia) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Alitéia Dilélio

Matijasevich, Alícia M.;CAPILHEIRA, M.; FACCHINI, L. A.. Acesso e qualidade na rede de saúde com ênfase para utilização de serviços ambulatoriais por adultos. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Epidemiologia) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Camila Cristina Martini Rodrigues

MATIJASEVICH, A.; Avelino-Silva, V; Fernandes, EG. Impacto da substituição da vacina oral de poliomielite (VOP) pela vacina inativada de poliomielite (VIP) na ocorrência de intussuscepção temporalmente associadas à vacina de rotavírus. 2019. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós-graduação em doenças infecciosas e parasitárias) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Denise de Almeida Maia

Moreira, H.C.;MATIJASEVICH, A.; KIDA, A. B.. Influencia dos marcos de desenvolvimento motor no desempenho acadêmico: um estudo de mediação baseada em desfechos potenciais na Millenium Cohort Study. 2019. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós-Graduação em Psiquiatria e Psicologia Médica) - Universidade Federal de São Paulo.

Aluno: Jordana Verano de Oliveira

Valente, K. D.; Cunha, P.J.;MATIJASEVICH, A.. A influência do TDAH materno sobre a estruturação do ambiente na primeira infância. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Psiquiatria) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Gustavo Selenko de Aquino

Veríssimo, MOR; Fugimori, E; Vargas, D;MATIJASEVICH, A. O crescimento de lactentes filhos de usuárias de cocaína e crack durante a gestação. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Enfermagem) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Caroline de Oliveira Gall

Conde, L. W.; Alencar, GP;MATIJASEVICH, A. Aceleração do crescimento entre crianças e adolescentes de populações multiétnicas e suas evidências. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Mestrado em Nutrição em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Giovana Montoro Pazzini Watfe

MATIJASEVICH, A.; Brentani, H. P.; Braga, P. E.. Capacidade funcional em idosos cadastrados na Estratégia Saúde da Família nos municípios de São Paulo e Manaus: associação com características individuais e ambientais. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Psiquiatria) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Iolanda Karla Santana dos Santos

Conde, L. W.;MALTA, D. C.MATIJASEVICH, A.. Padrões de comportamento alimentar e de atividade física no VIGITEL 2007-2014. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Mestrado em Nutrição em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Camila Zancheta Ricardo

MATIJASEVICH, A; Latorre, M.; Marchioni, D.. Padrões de comportamento de risco e proteção relacionados a doenças crônicas não trnsmissíveis entre adolescentes brasileiros. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Medicina (Medicina Preventiva)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Flavia Arante Oliveira

MATIJASEVICH, ALÍCIAQuayle J; Almeida, S.. Prevalência e fatores associados com confiança materna baixa em puérperas com histórico de depressão na gravidez e/ou pósparto. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Medicina (Medicina Preventiva)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Leanndru Sussmann

D´Oliveira, AFPL;MATIJASEVICH, ALÍCIAQuayle J. Relação entre violência por parceiro íntimo e declínio da vida sexual no puerpério. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Medicina (Medicina Preventiva)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Mariana Vieira Cintra

Ferraro AA;MATIJASEVICH, A.; Shavitt RG. Prevalência de experiencias psicóticas na gestação e fatores de risco associados em uma amostra comunitária. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Psiquiatria) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Darlise Rodrigues dos Passos

MATIJASEVICH, A.MADRUGA, S. W.. Comportamento alimentar de crianças de uma escola privada do município de Pelotas. 2012. Exame de qualificação (Mestrando em NUTRIÇÃO E ALIMENTOS) - Universidade Federal de Pelotas.

Almeida V; Riera, R.; Gamba, M. A.; Leme, L. E. G.; Ribeiro, K. C. B.;MATIJASEVICH, A.. Banca examinadora do concurso público de Professor Adjunto A, Nivel I, do Campus São Paulo, na área Saúde Coletiva/Epidemiologia. 2019. Universidade Federal de São Paulo.

Sarti, CA; Lacaz, FA;MATIJASEVICH, A.; Akerman, M.; Cohn, A.; Franco, L. J.. Concurso público para cargo de Professor Adjunto A, Nível I, do campus São Paulo, área Saúde Coletiva. 2016. Universidade Federal de São Paulo.

Couto, M. T.; de Soárez, P. C.;MATIJASEVICH, A. Banca examinadora de processo seletivo para indicação de tese ao Premio CAPES de Tese - Edição 2019. 2019. Universidade de São Paulo.

MATIJASEVICH, AGONCALVES, H.Madruga, SamantaHORTA, B. L.. Membro da Banca de Seleção de Mestrado Acadêmico - PPGE/UFPel. 2013. Universidade Federal de Pelotas.

Barros, A.J. DCESAR, J. A.; de MARCO, F.;MATIJASEVICH, A. Comissão de seleção Doutorado Acadêmico. 2010. Universidade Federal de Pelotas.

Gigante, D. P.; VICTORA, C; MARTÍNEZ-MESA, J.;MATIJASEVICH, A.. Comissão de seleção Mestrado Acadêmico Wellcome. 2010. Universidade Federal de Pelotas.

BARROS, A.J.D.CESAR, J. A.; de MARCO, F.;MATIJASEVICH, A.. Comissão de seleção Doutorado Acadêmico. 2009. Universidade Federal de Pelotas.

GIGANTE, D.P.VICTORA, C.G.MATIJASEVICH, A.. Comissão de seleção Mestrado Acadêmico Wellcome. 2008. Universidade Federal de Pelotas.

GIGANTE, D.P.VICTORA, C.G.MATIJASEVICH, A.. Comissão de seleção Mestrado Acadêmico Wellcome. 2006. Universidade Federal de Pelotas.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Maria Helena D Aquino Benicio

BENICIO, M.H.D.A.. Fatores de risco de morte fetal: estudo de casos e controles populacional em Montevidéu, Uruguai. 2005. Tese (Doutorado em Epidemiologia) - Universidade Federal de Pelotas.

Elsa Regina Justo Giugliani

GIUGLIANI, E. R. J.. Factores de riesgo y atenciónsw salud para recien nacidos de muy bajo peso aistidos en el sector publico de Montevideo, Uruguay. 2000. Dissertação (Mestrado em Epidemiologia) - Universidade Federal de Pelotas.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Orientou

Ana Beatriz Bozzini

Comportamentos de risco na adolescência: fatores determinantes maternos e infantis numa coorte de nascimento brasileira; Início: 2017; Tese (Doutorado em Programa de pós-graduação em Medicina Preventiva) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; (Orientador);

Jessica Mayumi Maruyama

Repercussão da depressão materna sobre as competências socioemocionais dos filhos no início da adolescência: Coorte de nascimentos de Pelotas de 2004; Início: 2017; Tese (Doutorado em Programa de pós-graduação em Medicina Preventiva) - Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; (Orientador);

Waleska Regina Machado Araujo

Prevalência e fatores associados ao atraso no desenvolvimento neuropsicomotor em crianças de uma coorte na região amazônica; Início: 2016; Tese (Doutorado em Medicina (Medicina Preventiva)) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; (Orientador);

Catarine Conti

Início: 2019; Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo;

João Alexandre Mendes Teixeira

Mortalidade no primeiro dia de vida no Brasil: causas e prevenção; 2019; Dissertação (Mestrado em Medicina (Medicina Preventiva)) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Alicia Matijasevich Manitto;

Flávio Sérgio Chiuchetta

Suporte ventilatório ao nascer e associação com doenças respiratórias aos seis anos: coorte de nascimentos de 2004, Pelotas, RS; 2014; Dissertação (Mestrado em Saúde Pública Baseada em Evidências) - Universidade Federal de Pelotas,; Orientador: Alicia Matijasevich Manitto;

Camila dos Santos El Halal

Padrão de Sono e relação entre privação de sono e adiposidade corporal entre crianças de uma coorte de nascimentos brasileira; 2014; Dissertação (Mestrado em Programa de Pós graduação em Pediatria e Saúde da Criança) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul,; Coorientador: Alicia Matijasevich Manitto;

Renata Jaccottet Freitas

Avaliação da adesão dos profissionais de saúde e das gestantes às recomendações do Comitê Municipal de Mortalidade Infantil e Materna para diminuir a mortalidade infantil na cidade de Pelotas,RS, Brasil; ; 2014; Dissertação (Mestrado em Saúde Pública Baseada em Evidências) - Universidade Federal de Pelotas,; Orientador: Alicia Matijasevich Manitto;

Darlise Rodrigues dos Passos

Comportamento alimentar de crianças de uma escola privada do município de Pelotas, RS; 2013; Dissertação (Mestrado em Pós-graduação em Nutrição e Alimentos) - Universidade Federal de Pelotas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Alicia Matijasevich Manitto;

Tiago Munhoz

Prevalência e fatores associados à depressão: estudo de base populacional; 2012; Dissertação (Mestrado em Epidemiologia) - Universidade Federal de Pelotas,; Orientador: Alicia Matijasevich Manitto;

Carolina Ávila Vianna

Prevalência de uso de AAS como prevenção de doenças cardiovasculares na cidade de Pelotas; 2010; Dissertação (Mestrado em Epidemiologia) - Universidade Federal de Pelotas,; Orientador: Alicia Matijasevich Manitto;

Marcínia Moreno Bueno

Avaliação da cobertura vacinal contra Hepatite B na população menor de 20 anos nos municípios da 3ª Coordenadoria Regional de Saúde,; 2009; Dissertação (Mestrado em Saúde Pública Baseada em Evidências) - Universidade Federal de Pelotas,; Orientador: Alicia Matijasevich Manitto;

Vera Lucia Schmidt da Silva

Diagnóstico da mortalidade infantil em Pelotas no período 2005 a 2008: fatores de risco e têndencias; 2009; Dissertação (Mestrado em Saúde Pública Baseada em Evidências) - Universidade Federal de Pelotas,; Orientador: Alicia Matijasevich Manitto;

Erika Alejandra Giraldo Gallo

Desnutrição na infância e transtornos mentais menores na adolescência; 2009; Dissertação (Mestrado em Epidemiologia) - Universidade Federal de Pelotas, Wellcome Trust; Orientador: Alicia Matijasevich Manitto;

Maria Aurora Dropa Chrestani

Hipertensão arterial sistêmica auto-referida: validação diagnóstica em estudo de base populacional; 2009; Dissertação (Mestrado em Epidemiologia) - Universidade Federal de Pelotas,; Coorientador: Alicia Matijasevich Manitto;

María del Pilar Vélez

Estudo intergeracional do peso ao nascer e da idade gestacional na coorte de nascimentos de 1982 Pelotas Brasil; 2006; Dissertação (Mestrado em Epidemiologia) - Universidade Federal de Pelotas, Wellcome Trust; Coorientador: Alicia Matijasevich Manitto;

María Angélica Barbosa Verdún

Conseqüências nutricionais a longo prazo das doenças infecciosas agudas na infância; 2006; Dissertação (Mestrado em Epidemiologia) - Universidade Federal de Pelotas, Wellcome Trust; Coorientador: Alicia Matijasevich Manitto;

Carolina La Maison

Prevalência, continuidade e fatores de risco dos transtornos psiquiátricos aos 11 anos: coorte de nascimentos de Pelotas de 2004; 2019; Tese (Doutorado em Departamento de Medicina Preventiva) - Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Alicia Matijasevich Manitto;

Simone Farias Antunez Reis

Depressão Materna e Amamentação e seus efeitos sobre a composição corporal da criança aos 11 anos na coorte de Pelotas de 2004; 2019; Tese (Doutorado em Epidemiologia) - Universidade Federal de Pelotas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Coorientador: Alicia Matijasevich Manitto;

Vera Lucia Schmidt da Silva

Hospitalização nos primeiros quatro anos de vida e transtorno mental aos seis anos; 2017; Tese (Doutorado em Epidemiologia) - Universidade Federal de Pelotas,; Orientador: Alicia Matijasevich Manitto;

Tiago N

Munhoz; Aconselhamento nutricional e efeito a longo prazo sobre a saúde mental e a inteligência: estudo de intervenção; ; 2016; Tese (Doutorado em Epidemiologia) - Universidade Federal de Pelotas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Alicia Matijasevich Manitto;

Ana Luiza Gonçalves Soares

Eventos estressores ao longo da vida e suas influências sobre a composição corporal na adolescência; 2016; Tese (Doutorado em Epidemiologia) - Universidade Federal de Pelotas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Coorientador: Alicia Matijasevich Manitto;

Sandra Petresco

Prevalência de transtornos mentais e fatores associados em crianças de 6-7 anos pertencentes à Coorte de Nascimentos de Pelotas de 2004; 2015; Tese (Doutorado em Epidemiologia) - Universidade Federal de Pelotas,; Orientador: Alicia Matijasevich Manitto;

Helen Castillo Laura

Efeito das características antropométricas maternas antes e durante a gestação sobre a composição corporal das crianças aos 6 anos de idade: Coorte de Nascimentos de Pelotas, 2004; 2015; Tese (Doutorado em Epidemiologia) - Universidade Federal de Pelotas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Coorientador: Alicia Matijasevich Manitto;

Carlos Delgado Bocanegra

Aleitamento materno além do segundo ano de vida: fator de proteção para o crescimento e saúde mental infantil; 2013; Tese (Doutorado em Epidemiologia) - Universidade Federal de Pelotas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Alicia Matijasevich Manitto;

Daniela Batalha Trettel

2015; Universidade de São Paulo,; Alicia Matijasevich Manitto;

Lucas Damasio Faggiani

Prevalência e fatores associados ao atraso do desenvolvimento neuropsicomotor de crianças em Cruzeiro do sul - AC; 2019; Iniciação Científica; (Graduando em Nutrição) - Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Alicia Matijasevich Manitto;

Isabel Giacomini Marques

Prevalência e fatores associados ao atraso do desenvolvimento neuropsicomotor de crianças aos vinte e quatro meses de vida em Cruzeiro do Sul - AC; 2018; Iniciação Científica; (Graduando em Nutrição) - Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Alicia Matijasevich Manitto;

Mariana Ramos do Amaral

Psicopatologia em crianças aos 6 anos - coorte de nascimentos; 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina) - Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Alicia Matijasevich Manitto;

Antônio Paulo Rinaldi Asciutti

Transtorno depressivo maior em crianças de uma coorte de nascimentos; 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina) - Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Alicia Matijasevich Manitto;

Flora Goldemberg

Distribuição de médicos especialistas e equipamentos de diagnóstico por imagem no Brasil; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina) - Universidade de São Paulo; Orientador: Alicia Matijasevich Manitto;

Brunna Roberta Vitória

Aconselhamento nutricional da estratégia de Atenção Integral às Doenças Prevalentes na Infância (AIDPI): efeito a longo prazo da intervenção de Pelotas, RS, Brasil; ; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Jornalismo) - Universidade Federal de Pelotas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Alicia Matijasevich Manitto;

Thaynã Ramos Flores

Influências precoces e contemporáneas sobre composição corporal, capital humano, saúde mental e precursores de doenças crônicas complexas nas três coortes brasileiras (1982, 1993 e 2004); ; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Nutrição) - Universidade Federal de Pelotas, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul; Orientador: Alicia Matijasevich Manitto;

Célia Renata Alves

Influências precoces e contemporâneas sobre a composição corporal, capital humano, saúde mental e precursores de doenças crônicas complexas nas três coortes brasileiras (1982, 1993 e 2004); 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Nutrição) - Universidade Federal de Pelotas, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul; Orientador: Alicia Matijasevich Manitto;

Tássia Ney Portantiolo

Coorte de Nascimentos de Pelotas - 2004: Desigualdades socioeconômicas e raciais nas trajetórias de crescimento e comparação com as Coortes de Pelotas de 1982 e 1993; 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Nutrição) - Universidade Federal de Pelotas, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul; Orientador: Alicia Matijasevich Manitto;

Mariana Otero Xavier

Aconselhamento nutricional da estratégia de Atenção Integral às Doenças Prevalentes na Infância (AIDPI): efeito a longo prazo da intervenção de Pelotas, RS, Brasil; ; 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Educação Física) - Universidade Federal de Pelotas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Alicia Matijasevich Manitto;

Lucas Garcia Alves

Coorte de Nascimentos de Pelotas - 2004: Desigualdades socioeconômicas e raciais nas trajetórias de crescimento e comparação com as Coortes de Pelotas de 1982 e 1993; ; 2011; Iniciação Científica; (Graduando em Nutrição) - Universidade Federal de Pelotas, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul; Orientador: Alicia Matijasevich Manitto;

Patrícia Alfonso

Diagnóstico da mortalidade infantil em Pelotas, RS, no período 2005-2008: fatores de risco e tendências; 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Tecnologia e Gestão Ambiental) - Centro Federal de Educação Tecnológica de Pelotas - RS, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Alicia Matijasevich Manitto;

Tanísia Hipólito Medeiros

Coorte de nascimentos de Pelotas - 2004: Desigualdades socioeconômicas e raciais nas trajetórias de crescimento e comparação com as Coortes de Pelotas de 1982 e 1993; 2012; Orientação de outra natureza; (Educação Física) - Universidade Federal de Pelotas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Alicia Matijasevich Manitto;

Lucas Garcia Alves

Coorte de nascimentos de Pelotas - 2004: Desigualdades socioeconômicas e raciais nas trajetórias de crescimento e comparação com as Coortes de Pelotas de 1982 e 1993; 2012; Orientação de outra natureza - Universidade Federal de Pelotas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Alicia Matijasevich Manitto;

Paula Lobo Marco

Coorte de Nascimentos de Pelotas - 2004: Desigualdades socioeconômicas e raciais nas trajetórias de crescimento e comparação com as Coortes de Pelotas de 1982 e 1993; 2011; Orientação de outra natureza; (PPG em Epidemiologia) - Universidade Federal de Pelotas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Alicia Matijasevich Manitto;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Fernando Celso Lopes Fernandes de Barros

Factores de riesgo maternos asociados al nacimiento de un recien nacido de muy bajo peso al nacer; ; 2000; Dissertação (Mestrado em Epidemiologia) - Universidade Federal de Pelotas,; Orientador: Fernando Celso Lopes Fernandes de Barros;

Fernando Celso Lopes Fernandes de Barros

Fatores de risco maternos para morte fetal: um estudo de casos e controles de base populacional; ; 2007; Tese (Doutorado em Epidemiologia) - Universidade Federal de Pelotas,; Orientador: Fernando Celso Lopes Fernandes de Barros;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • MACHADO AZEREDO, CATARINA ; CORTESE, MARIANNA ; COSTA, CAROLINE DOS SANTOS ; BJORNEVIK, KJETIL ; Barros, Aluisio J. D. ; Barros, Fernando C. ; Santos, Iná S ; Matijasevich, Alicia . Ultra-processed food consumption during childhood and asthma in adolescence: Data from the 2004 Pelotas birth cohort study. PEDIATRIC ALLERGY AND IMMUNOLOGY , v. 31, p. 27-37, 2020.

  • XAVIER, MARIANA OTERO ; BIELEMANN, RENATA MORAES ; CARPENA, MARINA XAVIER ; Barros, Fernando C. ; Matijasevich, Alicia ; Santos, Iná S. . Sleep duration trajectories from age 3 to 48 months in The Pelotas (Brazil) 2004 Birth Cohort Study. PAEDIATRIC AND PERINATAL EPIDEMIOLOGY , v. 34, p. 60-69, 2020.

  • CARPENA, MARINA XAVIER ; MUNHOZ, TIAGO N. ; XAVIER, MARIANA OTERO ; ROHDE, LUIS AUGUSTO ; Santos, Iná S. ; DEL-PONTE, BIANCA ; Barros, Fernando C. ; Matijasevich, Alicia ; TOVO-RODRIGUES, LUCIANA . The Role of Sleep Duration and Sleep Problems During Childhood in the Development of ADHD in Adolescence: Findings From a Population-Based Birth Cohort. Journal of Attention Disorders , v. 24, p. 590-600, 2020.

  • SILVEIRA, MARIANGELA F. ; BUFFARINI, ROMINA ; BERTOLDI, ANDREA D. ; Santos, Iná S. ; Barros, Aluísio J.D. ; Matijasevich, Alicia ; MENEZES, ANA MARIA B. ; GONÇALVES, HELEN ; Horta, Bernardo L. ; Barros, Fernando C. ; BARATA, RITA B. ; Victora, Cesar G. . The emergence of vaccine hesitancy among upper-class Brazilians: Results from four birth cohorts, 1982-2015. VACCINE , v. 38, p. 482-488, 2020.

  • SANTOS, LEONARDO POZZA ; ONG, KEN K. ; Santos, Ina S. ; Matijasevich, Alicia ; Barros, Aluísio J. D. . Effects of dietary intake patterns from 1 to 4 years on BMI z-score and body shape at age of 6 years: a prospective birth cohort study from Brazil. EUROPEAN JOURNAL OF NUTRITION , v. 58, p. 1723-1734, 2019.

  • SANTOS, LEONARDO POZZA ; Santos, Ina S. ; Matijasevich, Alicia ; Barros, Aluísio J. D. . Changes in overall and regional body fatness from childhood to early adolescence. Scientific Reports , v. 9, p. 1888, 2019.

  • Matijasevich, Alicia ; Victora, Cesar G ; SILVEIRA, MARIANGELA F ; WEHRMEISTER, FERNANDO C ; HORTA, BERNARDO L ; Barros, Fernando C ; MENEZES, ANA M B ; Barros, Aluisio J D ; BERTOLDI, ANDREA DÂMASO ; BASSANI, DIEGO G ; GONÇALVES, HELEN ; Santos, Iná S ; MURRAY, JOSEPH ; TOVO-RODRIGUES, LUCIANA ; ASSUNÇÃO, MARIA CECILIA F ; Domingues, Marlos Rodrigues ; HALLAL, PEDRO R C . Maternal reproductive history: trends and inequalities in four population-based birth cohorts in Pelotas, Brazil, 1982-2015. INTERNATIONAL JOURNAL OF EPIDEMIOLOGY , v. 48, p. i16-i25, 2019.

  • MENEZES, ANA M B ; Barros, Fernando C ; HORTA, BERNARDO L ; Matijasevich, Alicia ; BERTOLDI, ANDRÉA DÂMASO ; OLIVEIRA, PAULA D ; Victora, Cesar G ; Barros, Aluisio J D ; BASSANI, DIEGO G ; WEHRMEISTER, FERNANDO C ; GONÇALVES, HELEN ; Santos, Iná S ; MURRAY, JOSEPH ; TOVO-RODRIGUES, LUCIANA ; ASSUNÇÃO, MARIA CECILIA F ; SILVEIRA, MARIANGELA F ; Domingues, Marlos Rodrigues ; HALLAL, PEDRO R C . Stillbirth, newborn and infant mortality: trends and inequalities in four population-based birth cohorts in Pelotas, Brazil, 1982-2015. INTERNATIONAL JOURNAL OF EPIDEMIOLOGY , v. 48, p. i54-i62, 2019.

  • TEIXEIRA, JOÃO ALEXANDRE MENDES ; ARAUJO, WALESKA REGINA MACHADO ; MARANHÃO, ANA GORETTI KALUME ; CORTEZ-ESCALANTE, JUAN JOSÉ ; REZENDE, LEANDRO FÓRNIAS MACHADO DE ; Matijasevich, Alicia . Mortalidade no primeiro dia de vida: tendências, causas de óbito e evitabilidade em oito Unidades da Federação brasileira, entre 2010 e 2015*. EPIDEMIOLOGIA E SERVICOS DE SAUDE , v. 28, p. e2018132, 2019.

  • ARISTIDES DOS SANTOS, ANDERSON MOREIRA ; PERELMAN, JULIAN ; JACINTO, PAULO DE ANDRADE ; TEJADA, CESAR AUGUSTO OVIEDO ; Barros, Aluísio J.D. ; BERTOLDI, ANDRÉA D. ; Matijasevich, Alicia ; Santos, Iná S. . Income-related inequality and inequity in children?s health care: A longitudinal analysis using data from Brazil. SOCIAL SCIENCE & MEDICINE , v. 224, p. 127-137, 2019.

  • DEL-PONTE, BIANCA ; Anselmi, Luciana ; ASSUNÇÃO, MARIA CECÍLIA F. ; TOVO-RODRIGUES, LUCIANA ; MUNHOZ, TIAGO N. ; Matijasevich, Alicia ; ROHDE, LUIS AUGUSTO ; Santos, Iná S. . Sugar consumption and attention-deficit/hyperactivity disorder (ADHD): A birth cohort study. JOURNAL OF AFFECTIVE DISORDERS , v. 243, p. 290-296, 2019.

  • SILVEIRA, MARIANGELA F ; Victora, Cesar G ; HORTA, BERNARDO L ; DA SILVA, BRUNA G C ; Matijasevich, Alicia ; Barros, Fernando C ; Barros, Aluisio J D ; MENEZES, ANA M B ; BERTOLDI, ANDREA DÂMASO ; BASSANI, DIEGO G ; WEHRMEISTER, FERNANDO C ; GONÇALVES, HELEN ; Santos, Iná S ; MURRAY, JOSEPH ; TOVO-RODRIGUES, LUCIANA ; ASSUNÇÃO, MARIA CECILIA F ; Domingues, Marlos Rodrigues ; HALLAL, PEDRO R C . Low birthweight and preterm birth: trends and inequalities in four population-based birth cohorts in Pelotas, Brazil, 1982-2015. INTERNATIONAL JOURNAL OF EPIDEMIOLOGY , v. 48, p. i46-i53, 2019.

  • QUINTE, GABRIELA CALLO ; DEL-PONTE, BIANCA ; RUIVO, ANA CAROLINA OLIVEIRA ; MOREIRA, LAÍSA RODRIGUES ; KÖNSGEN, BRUNO IORIO ; WEHRMEISTER, FERNANDO C. ; Matijasevich, Alicia ; BARROS, FERNANDO ; DOS SANTOS, INÁ S. . Maternal depression symptoms and use of child health-care services at The Pelotas 2004 Birth Cohort. JOURNAL OF AFFECTIVE DISORDERS , v. 253, p. 303-307, 2019.

  • MARUYAMA, JESSICA MAYUMI ; PASTOR-VALERO, MARIA ; Santos, Iná S. ; MUNHOZ, TIAGO N. ; Barros, Fernando C. ; Matijasevich, Alicia . Impact of maternal depression trajectories on offspring socioemotional competences at age 11: 2004 Pelotas Birth Cohort. JOURNAL OF AFFECTIVE DISORDERS , v. 253, p. 8-17, 2019.

  • SIQUEIRA BARCELOS, RAQUEL ; DA SILVA DOS SANTOS, INÁ ; Matijasevich, Alicia ; Anselmi, Luciana ; BARROS, FERNANDO CELSO . Maternal depression is associated with injuries in children aged 2-4 years: the Pelotas 2004 Birth Cohort. INJURY PREVENTION , v. 25, p. 222-227, 2019.

  • PEARSON, R. M. ; CULPIN, I. ; LORET DE MOLA, C. ; MATIJASEVICH, A. ; SANTOS, I. S. ; HORTA, B. L. ; Barros, F. C. ; STEIN, A. . Grandmothers? mental health is associated with grandchildren?s emotional and behavioral development: a three-generation prospective study in Brazil. BMC Psychiatry , v. 19, p. 184, 2019.

  • Santos, DF ; Silveira, M. P. T. ; Camargo, A. L. ; MATIJASEVICH, A ; SANTOS, I. S. ; BARROS, A ; BERTOLDI, A. D. . Unsafe storage of household medicines: results from a cross-sectional study of four-year-olds from the 2004 Pelotas birth cohort (Brazil). BMC Pediatrics , v. 19, p. 235, 2019.

  • BUFFARINI, ROMINA ; Barros, Aluisio J D ; Matijasevich, Alicia ; LORET DE MOLA, CHRISTIAN ; Santos, Ina S . Gestational diabetes mellitus, pre-gestational BMI and offspring BMI z-score during infancy and childhood: 2004 Pelotas Birth Cohort. BMJ Open , v. 9, p. e024734, 2019.

  • TOVO-RODRIGUES, LUCIANA ; QUINTE, GABRIELA CALLO ; BRUM, CLARICE BRINCK ; GHISLENI, GABRIELE ; BASTOS, CLARISSA RIBEIRO ; OLIVEIRA, ISABEL OLIVEIRA DE ; Barros, Fernando C. ; Barros, Aluisio J. D. ; Santos, Iná S. ; ROHDE, LUIS A. ; HUTZ, MARA H. ; Matijasevich, Alicia . The Role of MIR9-2 in Shared Susceptibility of Psychiatric Disorders during Childhood: A Population-Based Birth Cohort Study. Genes , v. 10, p. 626, 2019.

  • Scazufca, Marcia ; DE PAULA COUTO, MARIA CLARA P. ; HENRIQUE, MAIARA GARCIA ; MENDES, ANA VILELA ; Matijasevich, Alicia ; PEREDA, PAULA CARVALHO ; FRANZIN, RENATO M. ; SEABRA, ANTÔNIO CARLOS ; VAN DE VEN, PEPIJN ; HOLLINGWORTH, WILLIAM ; PETERS, TIM J. ; ARAYA, RICARDO . Pilot study of a two-arm non-randomized controlled cluster trial of a psychosocial intervention to improve late life depression in socioeconomically deprived areas of São Paulo, Brazil (PROACTIVE): feasibility study of a psychosocial intervention for late life depression in São Paulo. BMC PUBLIC HEALTH , v. 19, p. 1152, 2019.

  • DA FONSECA CUMERLATO, CATARINA BORGES ; DEMARCO, FLÁVIO FERNANDO ; DE BARROS, ALUÍSIO JARDIM DORNELLAS ; DE ANSELMO PERES, MARCO ; Peres, Karen Glazer ; MORALES CASCAES, ANDREIA ; DE CAMARGO, MARIA BEATRIZ JUNQUEIRA ; DA SILVA DOS SANTOS, INÁ ; Matijasevich, Alicia ; CORRÊA, MARCOS BRITTO . Reasons for direct restoration failure from childhood to adolescence: a birth cohort study. JOURNAL OF DENTISTRY , v. 89, p. 103183, 2019.

  • GUTTIER, MARÍLIA CRUZ ; BARCELOS, RAQUEL SIQUEIRA ; FERREIRA, RODRIGO WILTGEN ; BORTOLOTTO, CAROLINE CARDOZO ; DARTORA, WILLIAM JONES ; SCHMIDT, MARIA INÊS ; Matijasevich, Alicia ; TOVO-RODRIGUES, LUCIANA ; Santos, Iná S. . Repeated high blood pressure at 6 and 11 years at the Pelotas 2004 birth cohort study. BMC PUBLIC HEALTH , v. 19, p. 1260, 2019.

  • SANIA, AYESHA SUDFELD, CHRISTOPHER R DANAEI, GOODARZ FINK, GÜNTHER MCCOY, DANA C ZHU, ZHAOZHONG FAWZI, MARY C SMITH AKMAN, MEHMET ARIFEEN, SHAMS E Barros, Aluisio J D BELLINGER, DAVID BLACK, MAUREEN M BOGALE, ALEMTSEHAY BRAUN, JOSEPH M VAN DEN BROEK, NYNKE CARRARA, VERENA DUAZO, PAULITA DUGGAN, CHRISTOPHER FERNALD, LIA C H GLADSTONE, MELISSA HAMADANI, JENA HANDAL, ALEXIS J HARLOW, SIOBÁN HIDROBO, MELISSA KUZAWA, CHRIS , et al. KVESTAD, INGRID LOCKS, LINDSEY MANJI, KARIM MASANJA, HONORATI Matijasevich, Alicia MCDONALD, CHRISTINE MCGREADY, ROSE RIZVI, ARJUMAND SANTOS, DARCI SANTOS, LETICIA SAVE, DILSAD SHAPIRO, ROGER STOECKER, BARBARA STRAND, TOR A TANEJA, SUNITA TELLEZ-ROJO, MARTHA-MARIA TOFAIL, FAHMIDA YOUSAFZAI, AISHA K EZZATI, MAJID FAWZI, WAFAIE ; Early life risk factors of motor, cognitive and language development: a pooled analysis of studies from low/middle-income countries. BMJ Open , v. 9, p. e026449, 2019.

  • PEARSON, R. M. ; CULPIN, IRYNA ; LORET DE MOLA, C. ; QUEVEDO, L. ; Murray, J. ; MATIJASEVICH, A. ; Tilling, K. ; Barros, F. C. ; STEIN, A. ; HORTA, B. L. . Transition to parenthood and mental health at 30 years: a prospective comparison of mothers and fathers in a large Brazilian birth cohort. Archives of Women's Mental Health , v. 22, p. 621-629, 2019.

  • DAMIÃO, RENATA ; MENEGUCI, JOILSON ; SANTOS, ÁLVARO DA SILVA ; Matijasevich, Alicia ; MENEZES, PAULO ROSSI . Estado nutricional de idosos residentes nos municípios da Superintendência Regional de Saúde de Uberaba. REVISTA DE MEDICINA (SÃO PAULO. ONLINE) , v. 98, p. 290-297, 2019.

  • TURNER, SAMANTHA ; MAYUMI MARUYAMA, JESSICA ; Matijasevich, Alicia ; PASTOR-VALERO, MARÍA . Breastfeeding and the Development of Socio-Emotional Competencies: A Systematic Review. Breastfeeding Medicine , v. 14, p. 691-704, 2019.

  • MASCARELLO, KEILA CRISTINA ; Matijasevich, Alicia ; Santos, Iná da Silva dos ; SILVEIRA, MARIÂNGELA FREITAS . Comentários à Carta ao Editor -Intervenções direcionadas à redução da taxa de cesarianas no Brasil-. REVISTA BRASILEIRA DE EPIDEMIOLOGIA , v. 22, p. e190067, 2019.

  • Santos, Iná S. ; DEL-PONTE, BIANCA ; TOVO-RODRIGUES, LUCIANA ; HALAL, CAMILA S. ; Matijasevich, Alicia ; CRUZ, SUÉLEN ; Anselmi, Luciana ; SILVEIRA, MARIÂNGELA FREITAS ; HALLAL, PEDRO R. CURI ; BASSANI, DIEGO G. . Effect of Parental Counseling on Infants? Healthy Sleep Habits in Brazil. JAMA Network Open , v. 2, p. e1918062, 2019.

  • SADOVSKY, ANA DANIELA IZOTON DE ; Matijasevich, Alicia ; Santos, Iná S. ; Barros, Fernando C. ; MIRANDA, ANGELICA ESPINOSA ; SILVEIRA, MARIANGELA FREITAS . Socioeconomic inequality in preterm birth in four Brazilian birth cohort studies. Jornal de Pediatria , v. 94, p. 15-22, 2018.

  • DAMIÃO, RENATA ; MENEGUCI, J. ; DA SILVA SANTOS, Á. ; MATIJASEVICH, A. ; ROSSI MENEZES, P. . Nutritional risk and quality of life in community-dwelling elderly: A cross-sectional study. Journal of Nutrition Health & Aging , v. 22, p. 111-116, 2018.

  • Silva, VLS ; França, G.V. ; MUNHOZ, T. N. ; SANTOS, I. S. ; BARROS, A.J.D. ; BARROS, F.C. ; MATIJASEVICH, A. . Hospitalization in the first years of life and development of psychiatric disorders at age 6 and 11: a birth cohort study in Brazil. CADERNOS DE SAÚDE PÚBLICA , v. 34, p. e00064517, 2018.

  • Franz, A. ; Bolat, G. ; Bolat, H. ; MATIJASEVICH, A. ; SANTOS, I. S. ; Silveira, R. ; Procianoy, R. ; Rohde, L. ; Moreira-Maia, C. . Attention-Deficit/Hyperactivity Disorder and Very Preterm/Very Low Birth Weight: A Meta-analysis. PEDIATRICS , v. 141, p. e20171645, 2018.

  • SOARES, ANA LUIZA G. ; Matijasevich, Alicia ; MENEZES, ANA M.B. ; ASSUNÇÃO, MARIA CECÍLIA ; WEHRMEISTER, FERNANDO C. ; Howe, Laura D. ; GONÇALVES, HELEN . Adverse Childhood Experiences (ACEs) and Adiposity in Adolescents: A Cross-Cohort Comparison. Obesity , v. 26, p. 150-159, 2018.

  • BIELEMANN, RENATA M. ; SANTOS, LEONARDO POZZA ; COSTA, CAROLINE DOS SANTOS ; Matijasevich, Alicia ; Santos, Iná S. . Early feeding practices and consumption of ultraprocessed foods at 6 y of age: Findings from the 2004 Pelotas (Brazil) Birth Cohort Study. NUTRITION , v. 47, p. 27-32, 2018.

  • PERUMAL, NANDITA ; ROTH, DANIEL E. ; PERDRIZET, JOHNNA ; Barros, Aluísio J. D. ; Santos, Iná S. ; Matijasevich, Alicia ; BASSANI, DIEGO G. . Effect of correcting for gestational age at birth on population prevalence of early childhood undernutrition. EMERGING THEMES IN EPIDEMIOLOGY , v. 15, p. 1-13, 2018.

  • POLANCZYK, GUILHERME V. ; FATORI, DANIEL ; Matijasevich, Alicia . Integrating child and adolescent psychiatry and the field of early childhood development. EUROPEAN CHILD & ADOLESCENT PSYCHIATRY , v. 27, p. 137-138, 2018.

  • Araujo, W.R.M. ; SANTOS, I. S. ; BARROS, F.C. ; MATIJASEVICH, A . Birth Cohort Studies and the Early Origins of Adult Health and Disease. NEOREVIEWS (ELK GROVE VILLAGE, ILL.) , v. 19, p. e313-e321, 2018.

  • La Maison, C. ; MUNHOZ, T. N. ; SANTOS, I. S. ; ANSELMI, L. ; BARROS, F.C. ; MATIJASEVICH, A. . Prevalence and risk factors of psychiatric disorders in early adolescence: 2004 Pelotas (Brazil) birth cohort. SOCIAL PSYCHIATRY AND PSYCHIATRIC EPIDEMIOLOGY , v. 53, p. 685-697, 2018.

  • BIELEMANN, RENATA M. ; VAZ, J. S. ; DOMINGUES, M. R. ; MATIJASEVICH, A. ; BARROS, A.J.D. ; SANTOS, I. S. ; Ekelund U. ; HORTA, B. L. ; HALLAL, P. . Are consumption of dairy products and physical activity independently related to bone mineral density of 6-year-old children? Longitudinal and cross-sectional analyses in a birth cohort from Brazil. PUBLIC HEALTH NUTRITION , v. 21, p. 2654-2664, 2018.

  • BARROS, F.C. ; MATIJASEVICH, A. ; SANTOS, I. S. ; HORTA, B. L. ; SILVA, B. G. C. ; MUNHOZ, T. N. ; Fazel, S. ; STEIN, A. ; Pearson R. ; ANSELMI, L. ; Rohde, L. . Social inequalities in mental disorders and substance misuse in young adults. SOCIAL PSYCHIATRY AND PSYCHIATRIC EPIDEMIOLOGY , v. 53, p. 717-726, 2018.

  • LABRECQUE, JEREMY A. ; KAUFMAN, JAY S. ; BALZER, LAURA B. ; MACLEHOSE, RICHARD F. ; STRUMPF, ERIN C. ; Matijasevich, Alicia ; Santos, Iná S. ; SCHMIDT, KELEN H. ; Barros, Aluísio J.D. . Effect of a conditional cash transfer program on length-for-age and weight-for-age in Brazilian infants at 24 months using doubly-robust, targeted estimation. SOCIAL SCIENCE & MEDICINE , v. 211, p. 9-15, 2018.

  • GOETTEMS, MARÍLIA L. ; NASCIMENTO, GUSTAVO G. ; PERES, MARCO A. ; SANTOS, INA S. ; Matijasevich, Alicia ; Barros, Aluisio J. D. ; PERES, KAREN G. ; DEMARCO, FLÁVIO F. . Influence of maternal characteristics and caregiving behaviours on children's caries experience: An intergenerational approach. COMMUNITY DENTISTRY AND ORAL EPIDEMIOLOGY , v. 46, p. 435-441, 2018.

  • MASCARELLO, KEILA CRISTINA ; Matijasevich, Alicia ; Santos, Iná da Silva dos ; SILVEIRA, MARIÂNGELA FREITAS . Complicações puerperais precoces e tardias associadas à via de parto em uma coorte no Brasil. REVISTA BRASILEIRA DE EPIDEMIOLOGIA , v. 21, p. e180010, 2018.

  • TOVO-RODRIGUES, LUCIANA ; SCHNEIDER, BRUNA CELESTINO ; MARTINS-SILVA, THAIS ; DEL-PONTE, BIANCA ; LORET DE MOLA, CHRISTIAN ; SCHULER-FACCINI, LAVINIA ; VIANNA, FERNANDA SALES LUIZ ; MUNHOZ, TIAGO N. ; ENTIAUSPE, LUDMILA ; SILVEIRA, MARIÂNGELA FREITAS ; Santos, Iná S. ; Matijasevich, Alicia ; Barros, Aluísio J. D. ; ROHDE, LUIS AUGUSTO ; BERTOLDI, ANDRÉA DÂMASO . Is intrauterine exposure to acetaminophen associated with emotional and hyperactivity problems during childhood? Findings from the 2004 Pelotas birth cohort. BMC Psychiatry , v. 18, p. 368, 2018.

  • Cury AF ; MENEZES, P. R. ; Quayle J ; Lima, KS ; MATIJASEVICH, ALÍCIA . The relationship between indicators of socioeconomic status and cesarean section in public hospitals. Revista de Saúde Pública (Online) , v. 51, p. 14, 2017.

  • SOARES, A. L. G. ; GONCALVES, H. ; MATIJASEVICH, A. ; Sequeira, M. ; SMITH, G. D. ; MENEZES, A. M. B. ; ASSUNCAO, M. C. F. ; WEHRMEISTER, F. C. ; HALLAL, P. ; BARROS, F.C. ; Victora CG ; FRASER, A. ; Howe, Laura D. . Parental Separation and Cardiometabolic Risk Factors in Late Adolescence: A Cross-Cohort Comparison. AMERICAN JOURNAL OF EPIDEMIOLOGY , v. 185, p. 898-906, 2017.

  • MUNHOZ, T. N. ; SANTOS, I. S. ; NUNES, B. P. ; MOLA, C. L. ; SILVA, I. C. M. ; MATIJASEVICH, A. . Tendências de consumo abusivo de álcool nas capitais brasileiras entre os anos de 2006 a 2013: análise das informações do VIGITEL. Cadernos de Saude Publica , v. 33, p. e00104516, 2017.

  • Schmidt, K. H. ; BARROS, A.J.D. ; Labrecque, J. ; MATIJASEVICH, A. ; SANTOS, I. S. ; BARROS, F.C. . Focus and coverage of Bolsa Família Program in the Pelotas 2004 birth cohort. Revista de Saúde Pública (Online) , v. 51, p. 22, 2017.

  • SCHEFFER, M. C. ; GUILLOUX, A. G. A. ; MATIJASEVICH, A. ; MASSENBURG, B. B. ; SALUJA, S. ; ALONSO, N. . The state of the surgical workforce in Brazil. SURGERY , v. 161, p. 556-561, 2017.

  • FAISAL-CURY, ALEXANDRE ; MENEZES, PAULO ROSSI ; QUAYLE, JULIETA ; Matijasevich, Alicia . Unplanned pregnancy and risk of maternal depression: secondary data analysis from a prospective pregnancy cohort. Psychology, Health & Medicine , v. 22, p. 65-74, 2017.

  • Coll, CVN ; DOMINGUES, M. R. ; Hallal, Pedro C. ; SILVA, I. C. M. ; Bassani, DG ; MATIJASEVICH, A. ; BARROS, A.J.D. ; SANTOS, I.S. ; BERTOLDI, A. D. . Changes in leisure-time physical activity among Brazilian pregnant women: comparison between two birth cohort studies (2004 - 2015). BMC Public Health (Online) , v. 17, p. 119, 2017.

  • Silva, VLS ; França, G.V. ; SANTOS, I. S. ; BARROS, F.C. ; MATIJASEVICH, A. . Características e fatores associados à hospitalização nos primeiros anos de vida: coorte de nascimentos de Pelotas de 2004, Rio Grande do Sul, Brasil. Cadernos de Saude Publica , v. 33, p. e00035716, 2017.

  • KNUTH, ALAN G ; SILVA, INÁCIO CROCHEMORE M ; VAN HEES, VINCENT T ; CORDEIRA, KELLY ; MATIJASEVICH, ALÍCIA ; Barros, Aluísio J D ; Santos, Iná ; EKELUND, ULF ; Hallal, Pedro Curi . Objectively-measured physical activity in children is influenced by social indicators rather than biological lifecourse factors: Evidence from a Brazilian cohort. Preventive Medicine (1972. Print) , v. 97, p. 40-44, 2017.

  • Barros, Aluisio J. D. ; SANTOS, LEONARDO POZZA ; WEHRMEISTER, FERNANDO ; MOTTA, JANAINA VIEIRA DOS SANTOS ; Matijasevich, Alicia ; Santos, Ina S. ; Menezes, Ana M. B. ; GONÇALVES, HELEN ; ASSUNÇÃO, MARIA CECÍLIA FORMOSO ; Horta, Bernardo L. ; Barros, Fernando C. . Caesarean section and adiposity at 6, 18 and 30 years of age: results from three Pelotas (Brazil) birth cohorts. BMC Public Health (Online) , v. 17, p. 256, 2017.

  • BARCELOS, RAQUEL SIQUEIRA ; Santos, Iná S. ; Matijasevich, Alicia ; Barros, Aluísio J. D. ; Barros, Fernando C. ; FRANÇA, GIOVANNY VINICIUS ARAÚJO ; SILVA, VERA LÚCIA SCHMIDT DA . Acidentes por quedas, cortes e queimaduras em crianças de 0-4 anos: coorte de nascimentos de Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil, 2004. Cadernos de Saúde Pública (Online) , v. 33, p. e00139115, 2017.

  • MUNHOZ, T. N. ; SANTOS, I. S. ; BARROS, A.J.D. ; ANSELMI, L. ; BARROS, F.C. ; MATIJASEVICH, A. . Perinatal and postnatal risk factors for disruptive mood dysregulation disorder at age 11: 2004 Pelotas Birth Cohort Study. JOURNAL OF AFFECTIVE DISORDERS (PRINT) , v. 215, p. 263-268, 2017.

  • BORONAT, A. C. ; FERREIRA-MAIA, A. P. ; MATIJASEVICH, A. ; Wang Yuan Pang . Epidemiology of functional gastrointestinal disorders in children and adolescents: A systematic review. WORLD JOURNAL OF GASTROENTEROLOGY , v. 23, p. 3915-3927, 2017.

  • Azeredo, C. M. ; SANTOS, I. S. ; BARROS, A.J.D. ; BARROS, F.C. ; MATIJASEVICH, A . Maternal depression and bullying victimization among adolescents: results from the 2004 Pelotas cohort study. DEPRESSION AND ANXIETY , v. 34, p. 897-907, 2017.

  • Netsi, E. ; SANTOS, I. S. ; STEIN, A. ; BARROS, A.J.D. ; MATIJASEVICH, A . A different rhythm of life: sleep patterns in the first 4 years of life and associated sociodemographic characteristics in a large Brazilian birth cohort. SLEEP MEDICINE , v. 37, p. 77-87, 2017.

  • MASCARELLO, K. C. ; MATIJASEVICH, A ; BARROS, A ; SANTOS, I. S. ; Zandonade, E. ; SILVEIRA, M. . Repeat cesarean section in subsequent gestation of women from a birth cohort in Brazil. Reproductive Health , v. 14, p. 102, 2017.

  • Peres, Karen Glazer ; NASCIMENTO, GUSTAVO G. ; PERES, MARCO AURELIO ; MITTINTY, MURTHY N. ; DEMARCO, FLAVIO FERNANDO ; SANTOS, INA SILVA ; Matijasevich, Alicia ; Barros, Aluisio J D . Impact of Prolonged Breastfeeding on Dental Caries: A Population-Based Birth Cohort Study. PEDIATRICS , v. 140, p. e20162943, 2017.

  • MUNHOZ, TIAGO N ; Santos, Iná S ; KARAM, SIMONE DE M. ; MARTINES, JOSE ; PELTO, GRETEL ; BARCELOS, RAQUEL ; GONÇALVES, HELEN ; VALLE, NEIVA CJ ; Anselmi, Luciana ; Matijasevich, Alicia . Effect of childhood nutrition counselling on intelligence in adolescence: a 15-year follow-up of a cluster-randomised trial. PUBLIC HEALTH NUTRITION , v. 22, p. 2034-2041, 2017.

  • SANTOS, I. S. ; BARROS, F.C. ; MUNHOZ, T. N. ; MATIJASEVICH, A . Gestational age at birth and behavioral problems from four to 11 years of age: birth cohort study. BMC Pediatrics , v. 17, p. 184, 2017.

  • DAMIÃO, RENATA ; SANTOS, ÁLVARO DA SILVA ; Matijasevich, Alicia ; MENEZES, PAULO ROSSI . Factors associated with risk of malnutrition in the elderly in south-eastern Brazil. REVISTA BRASILEIRA DE EPIDEMIOLOGIA (IMPRESSO) , v. 20, p. 598-610, 2017.

  • DELGADO, CARLOS ALBERTO ; MUNHOZ, TIAGO N. ; Santos, Iná S. ; Barros, Fernando C. ; Matijasevich, Alicia . Prolonged breastfeeding for 24 months or more and mental health at 6 years of age: evidence from the 2004 Pelotas Birth Cohort Study, Brazil. Child and Adolescent Mental Health , v. 22, p. 209-215, 2017.

  • CRUZ, SUÉLEN HENRIQUES DA ; PICCININI, CESAR AUGUSTO ; MATIJASEVICH, ALÍCIA ; Santos, Iná S. . Problemas de comportamento e excesso de peso em pré-escolares do sul do Brasil. Jornal Brasileiro de Psiquiatria , v. 66, p. 29-37, 2017.

  • BERGMANN, G. G. ; Dâmaso, A.H. ; MIELKE, G. ; Camargo, A. L. ; MATIJASEVICH, A ; HALLAL, P. . Atividade física, tempo de tela e utilização de medicamentos em adolescentes: coorte de nascimentos de Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil, 1993. Cadernos de Saúde Pública (Online) , v. 32, p. e00011715, 2016.

  • El Halal, C ; MATIJASEVICH, A ; Howe, Laura D. ; SANTOS, I.S. ; BARROS, F.C. ; NUNES, M. L. . Short Sleep Duration in the First Years of Life and Obesity/Overweight at Age 4 Years: A Birth Cohort Study. The Journal of Pediatrics , v. 168, p. 99-103, 2016.

  • SOARES, A. L. G. ; Howe, Laura D. ; MATIJASEVICH, A ; GONCALVES, H. . Adverse childhood experiences: Prevalence and related factors in adolescents of a Brazilian birth cohort. Child Abuse & Neglect , v. 51, p. 21-30, 2016.

  • MURRAY, E. ; Pearson R. ; Fernandes, M. ; SANTOS, I. S. ; BARROS, F.C. ; Victora CG ; STEIN, A. ; MATIJASEVICH, A . Are fetal growth impairment and preterm birth causally related to child attention problems and ADHD? Evidence from a comparison between high-income and middle-income cohorts. Journal of Epidemiology and Community Health (1979) , v. 70, p. 704-709, 2016.

  • SILVEIRA, M. ; MATIJASEVICH, A ; MENEZES, A. M. B. ; HORTA, B. L. ; SANTOS, I. S. ; BARROS, A.J.D. ; BARROS, F.C. ; Victora CG . Secular trends in smoking during pregnancy according to income and ethnic group: four population-based perinatal surveys in a Brazilian city. BMJ Open , v. 6, p. e010127, 2016.

  • Castillo, H ; SANTOS, I. S. ; MATIJASEVICH, A . Maternal pre-pregnancy BMI, gestational weight gain and breastfeeding. European Journal of Clinical Nutrition , v. 70, p. 431-436, 2016.

  • MUNHOZ, T. N. ; SANTOS, I. S. ; MATIJASEVICH, ALÍCIA . A nationwide population-based study of depression in Brazil. Journal of Affective Disorders (Print) , v. 192, p. 226-233, 2016.

  • Santos, L. ; ONG, K. ; Day, F. ; WELLS, J. ; MATIJASEVICH, ALÍCIA ; SANTOS, I. S. ; Victora CG ; BARROS, A . Body shape and size in 6-year old children: assessment by three-dimensional photonic scanning. International Journal of Obesity , v. 40, p. 1012-1017, 2016.

  • SANTOS, I. S. ; TAVARES, B. F. ; MUNHOZ, T. N. ; Manzoli, P. ; de Ávila, G. B. ; Jannke, E. ; MATIJASEVICH, A. . Patient health questionnaire-9 versus Edinburgh postnatal depression scale in screening for major depressive episodes: a cross-sectional population-based study. BMC Research Notes , v. 9, p. 453, 2016.

  • VICTORA, Cesar Gomes ; SCHULER-FACCINI, LAVINIA ; Matijasevich, Alicia ; RIBEIRO, ERLANE ; PESSOA, ANDRÉ ; BARROS, FERNANDO CELSO . Microcephaly in Brazil: how to interpret reported numbers?. Lancet (British edition) , v. 387, p. 621-624, 2016.

  • NUNES, B. P. ; CAMARGO-FIGUEIRA, F. A. ; GUTTIER, M. ; De Oliveira, P. D. ; MUNHOZ, T. N. ; MATIJASEVICH, A. ; Dâmaso, A.H. ; WEHRMEISTER, F. C. ; Silveira, M. P. T. ; Thumé, E. ; FACCHINI, L. A. . Multimorbidity in adults from a southern Brazilian city: occurrence and patterns. International Journal of Public Health (Online) , v. 61, p. 1013-1020, 2016.

  • FERREIRA-MAIA, A. P. ; MATIJASEVICH, A. ; WANG, Y. P. . Epidemiology of functional gastrointestinal disorders in infants and toddlers: A systematic review. World Journal of Gastroenterology , v. 22, p. 6547-6558, 2016.

  • SADOVSKY, ANA D. I. ; Matijasevich, Alicia ; Santos, Iná S. ; Barros, Fernando C. ; MIRANDA, ANGELICA E. ; SILVEIRA, MARIANGELA F. . LBW and IUGR temporal trend in 4 population-based birth cohorts: the role of economic inequality. BMC Pediatrics (Online) , v. 16, p. 115, 2016.

  • JACOTTET, R. ; MUNHOZ, T. N. ; SANTOS, I. S. ; CHIUCHETTA, F. S. ; BARROS, F.C. ; Aline Coletto ; MATIJASEVICH, A. . Adesão dos profissionais de saúde a práticas pré- e neonatais de redução da mortalidade neonatal: 2004 versus 2012. Revista Brasileira de Epidemiologia (Online) , v. 19, p. 702-712, 2016.

  • SANTOS, I. S. ; Bassani, DG ; MATIJASEVICH, A. ; El Halal, C ; Del Ponte, B. ; Cruz, S. ; ANSELMI, L. ; ALBERNAZ, Elaine ; Fernandes, M. ; Tovo-Rodrigues, L. ; SILVEIRA, M. ; HALLAL, P. . Infant sleep hygiene counseling (sleep trial): protocol of a randomized controlled trial. BMC Psychiatry (Online) , v. 16, p. 307, 2016.

  • SANTOS, I. S. ; BARROS, A.J.D. ; BARROS, F.C. ; MUNHOZ, T. N. ; Del Ponte, B. ; MATIJASEVICH, A. . Mother-Child Bed-Sharing Trajectories And Psychiatric Disorders At The Age Of 6 Years. Journal of Affective Disorders (Print) , v. 208, p. 163-169, 2016.

  • KARAM, SIMONE M. ; Barros, Aluísio J.D. ; MATIJASEVICH, ALÍCIA ; DOS SANTOS, INÁ S. ; Anselmi, Luciana ; BARROS, FERNANDO ; LEISTNER-SEGAL, SANDRA ; FÉLIX, TÊMIS M. ; RIEGEL, MARILUCE ; MALUF, SHARBEL W. ; GIUGLIANI, ROBERTO ; BLACK, MAUREEN M. . Intellectual Disability in a Birth Cohort: Prevalence, Etiology, and Determinants at the Age of 4 Years. Public Health Genomics , v. 19, p. 290-297, 2016.

  • Santos, L. ; ASSUNCAO, M. C. F. ; MATIJASEVICH, A. ; SANTOS, I. S. ; BARROS, A.J.D. . Dietary intake patterns of children aged 6 years and their association with socioeconomic and demographic characteristics, early feeding practices and body mass index. BMC Public Health (Online) , v. 16, p. 1055, 2016.

  • MATIJASEVICH, A. ; CORTEZ-ESCALANTE, J. J. ; RABELLO NETO, D. ; FERNANDES, R. M. ; Victora CG . Método para estimação de indicadores de mortalidade infantil e baixo peso ao nascer para municípios do Brasil, 2012*. Epidemiologia e Servicos de Saude , v. 25, p. 637-646, 2016.

  • DEL-PONTE, B. ; SANTOS, I. S. ; Tovo-Rodrigues, L. ; ANSELMI, L. ; MUNHOZ, T. N. ; MATIJASEVICH, A. . Caffeine consumption during pregnancy and ADHD at the age of 11 years: a birth cohort study. BMJ Open , v. 6, p. e012749, 2016.

  • MOTA, D. M. ; Barros, A. J. D. ; MATIJASEVICH, A. ; SANTOS, I. S. . Prevalence of enuresis and urinary symptoms at age 7 years in the 2004 birth cohort from Pelotas, Brazil. Jornal de Pediatria (Impresso) , v. 9, p. 52-58, 2015.

  • PASSOS, D. R. ; GIGANTE, D.P. ; MACIEL, F. V. ; MATIJASEVICH, A. . Comportamento alimentar infantil: comparação entre crianças sem e com excesso de peso em uma escola do município de Pelotas, RS. Revista Paulista de Pediatria (Impresso) , v. 33, p. 42-49, 2015.

  • Murray, J. ; MENEZES, A. M. B. ; Hickman, M. ; Maughan, B. ; GALLO, E. A. G. ; MATIJASEVICH, A. ; GONCALVES, H. ; ANSELMI, L. ; ASSUNCAO, M. C. F. ; BARROS, F.C. ; Victora CG . Childhood behaviour problems predict crime and violence in late adolescence: Brazilian and British birth cohort studies. Social Psychiatry and Psychiatric Epidemiology (Print) , v. 50, p. 579-589, 2015.

  • MATIJASEVICH, A ; Murray, J. ; COOPER, P. J. ; ANSELMI, L. ; BARROS, A.J.D. ; BARROS, F.C. ; SANTOS, I.S. . Trajectories of maternal depression and offspring psychopathology at 6 years: 2004 Pelotas cohort study. Journal of Affective Disorders (Print) , v. 174, p. 424-431, 2015.

  • CHIUCHETTA, F. ; MUNHOZ, T. N. ; ALBERNAZ, E. ; SANTOS, I. S. ; MENEZES, A. M. B. ; BARROS, F.C. ; MATIJASEVICH, A. . Suporte ventilatório ao nascer e associação com doenças respiratórias aos seis anos: Coorte de Nascimentos de Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil, 2004. Cadernos de Saúde Pública (Online) , v. 31, p. 1403-1415, 2015.

  • RESTREPO-MÉNDEZ, MARÍA CLARA ; Lawlor, Debbie A. ; Horta, Bernardo L. ; Matijasevich, Alicia ; Santos, Iná S. ; Menezes, Ana M. B. ; Barros, Fernando C. ; Victora, Cesar G. . The Association of Maternal Age with Birthweight and Gestational Age: A Cross-Cohort Comparison. Paediatric and Perinatal Epidemiology (Print) , v. 29, p. 31-40, 2015.

  • MUNHOZ, T. N. ; SANTOS, I S ; MATIJASEVICH, A. . Depression among Brazilian adolescents: A cross-sectional population-based study. Journal of Affective Disorders (Print) , v. 175, p. 281-286, 2015.

  • SANTOS, I S ; CAPILHEIRA, M. ; ANSELMI, L. ; MATIJASEVICH, ALÍCIA . Excessive crying at 3 months of age and behavioural problems at 4 years age: a prospective cohort study. Journal of Epidemiology and Community Health (1979) , v. 69, p. 654-659, 2015.

  • Castillo, H ; SANTOS, I. S. ; MATIJASEVICH, ALÍCIA . Relationship between maternal pre-pregnancy body mass index, gestational weight gain and childhood fatness at 6-7 years by air displacement plethysmography. Maternal and Child Nutrition (Print) , v. 11, p. 606-617, 2015.

  • Faisal-Cury, A ; MENEZES, P. R. ; Quayle J ; MATIJASEVICH, A. ; Diniz, S . The Relationship Between Mode of Delivery and Sexual Health Outcomes after Childbirth. The Journal of Sexual Medicine (Print) , v. 12, p. 1212-1220, 2015.

  • KARAM, SIMONE M. ; RIEGEL, MARILUCE ; SEGAL, SANDRA L. ; FÉLIX, TÊMIS M. ; Barros, Aluísio J.D. ; Santos, Iná S. ; Matijasevich, Alicia ; GIUGLIANI, ROBERTO ; BLACK, MAUREEN . Genetic causes of intellectual disability in a birth cohort: A population-based study. American Journal of Medical Genetics. Part A , v. 167, p. 1204-1214, 2015.

  • MURRAY, E. ; MATIJASEVICH, A. ; SANTOS, I. S. ; BARROS, A ; ANSELMI, L. ; BARROS, F.C. ; STEIN, A. . Sex differences in the association between foetal growth and child attention at age four: specific vulnerability of girls. Journal of Child Psychology and Psychiatry and Allied Disciplines (Print) , v. 56, p. 1380-1388, 2015.

  • BARROS, F.C. ; MATIJASEVICH, A ; MARANHAO, A. G. ; CORTEZ-ESCALANTE, J. J. ; RABELLO NETO, D. ; FERNANDES, R. M. ; VILELLA, M. E. A. ; MATOS, A. C. G. ; Alburquerque C ; Ponce de Leon, R ; Victora CG . Cesarean sections in Brazil: will they ever stop increasing?. Revista Panamericana de Salud Publica (Print) , v. 38, p. 217-225, 2015.

  • da Silva, MT ; BARROS, A.J.D. ; BERTOLDI, A. D. ; Jacinto, PA ; MATIJASEVICH, A ; SANTOS, I. S. ; Tejada, CAO . Determinants of out-of-pocket health expenditure on children: an analysis of the 2004 Pelotas Birth Cohort. International Journal for Equity in Health (Online) , v. 14, p. 53, 2015.

  • De Oliveira, LJC ; TORRIANI, D. D. ; Correa, M.B. ; Peres, M.A. ; Peres, K. G. ; MATIJASEVICH, A ; SANTOS, I S ; Barros, A. J. ; Demarco, F.F. ; Tarquinio, SBC . Oral mucosal lesions? impact on oral health-related quality of life in preschool children. Community Dentistry and Oral Epidemiology , v. 43, p. 578-585, 2015.

  • Peres, K. G. ; CASCAES, A. M. ; PERES, M. A. ; DEMARCO, F. F. ; SANTOS, I. S. ; MATIJASEVICH, A. ; Barros, A. J. D. . Exclusive Breastfeeding and Risk of Dental Malocclusion. Pediatrics (Evanston) , v. 136, p. e60-e67, 2015.

  • MURRAY, JOSEPH ; MAUGHAN, BARBARA ; Menezes, Ana M. B. ; HICKMAN, MATTHEW ; MACLEOD, JOHN ; Matijasevich, Alicia ; GONÇALVES, HELEN ; Anselmi, Luciana ; GALLO, ERIKA A. G. ; Barros, Fernando C. . Perinatal and sociodemographic factors at birth predicting conduct problems and violence to age 18 years: comparison of Brazilian and British birth cohorts. Journal of Child Psychology and Psychiatry and Allied Disciplines (Print) , v. 56, p. 914-922, 2015.

  • FAISAL-CURY, ALEXANDRE ; QUAYLE, JULIETA ; MARQUES, TATIANA ; MENEZES, PAULO ROSSI ; Matijasevich, Alicia . The relationship between socioeconomic indicators during pregnancy and gynecological appointment at any time after childbirth. International Journal for Equity in Health (Online) , v. 14, p. 64, 2015.

  • GIGANTE, DENISE P ; HORTA, BERNARDO L ; Matijasevich, Alicia ; LORET DE MOLA, CHRISTIAN ; Barros, Aluisio J D ; Santos, Ina S ; Barros, Fernando C ; Victora, Cesar G . Gestational age and newborn size according to parental social mobility: an intergenerational cohort study. JECH Online , v. 69, p. 944-949, 2015.

  • SANTOS, I S ; MATIJASEVICH, A ; ASSUNCAO, M. C. F. ; Valle, Neiva ; HORTA, BERNARDO L ; GONÇALVES, HELEN ; GIGANTE, DENISE P ; Martines, JC ; Pelto, G. ; VICTORA, C G . Promotion of Weight Gain in Early Childhood Does Not Increase Metabolic Risk in Adolescents: A 15-Year Follow-Up of a Cluster-Randomized Controlled Trial. The Journal of Nutrition (Print) , v. 145, p. 2749-2755, 2015.

  • Castillo, H ; SANTOS, I. S. ; Lenice Quadros ; MATIJASEVICH, A . Maternal obesity and offspring body composition by indirect methods: a systematic review and meta-analysis. Cadernos de Saúde Pública (Online) , v. 31, p. 2073-2092, 2015.

  • KARAM, S. ; BARROS, A ; SANTOS, I. S. ; MATIJASEVICH, A. ; FÉLIX, TÊMIS M. ; RIEGEL, MARILUCE ; SEGAL, SANDRA L. ; GIUGLIANI, ROBERTO . Prováveis causas da Deficiência Intelectual em estudo de Pelotas, RS. Revista Deficiência Intelectual , v. 8, p. 19-25, 2015.

  • COLL, CAROLINA ; POSTGRADUATE PROGRAM IN EPIDEMIOLOGY, FEDERAL UNIVERSITY OF PELOTAS, PELOTAS, RS, BRAZIL. ; DOMINGUES, MARLOS ; Santos, Iná ; Matijasevich, Alicia ; HORTA, BERNARDO LESSA ; Hallal, Pedro Curi . Changes in Leisure-Time Physical Activity From the Pre-Pregnancy to the Postpartum Period: 2004 Pelotas (Brazil) Birth Cohort Study. Journal of Physical Activity & Health , v. 13, p. 361-365, 2015.

  • TORRIANI, D. D. ; FERRO, R. L. ; PERES, K. G. A. ; BONOW, M. L. M. ; SANTOS, I. S. ; MATIJASEVICH, A. ; BARROS, A.J.D. ; DEMARCO, F. F. . Dental Caries Is Associated with Dental Fear in Childhood: Findings from a Birth Cohort Study. Caries Research , v. 48, p. 263-270, 2014.

  • PETRESCO, S. ; ANSELMI, L. ; SANTOS, I. S. ; BARROS, A.J.D. ; FLEITLICH-BILYK, B. ; BARROS, F.C. ; MATIJASEVICH, A. . Prevalence and comorbidity of psychiatric disorders among 6-year-old children: 2004 Pelotas Birth Cohort. Social Psychiatry and Psychiatric Epidemiology (Print) , v. 49, p. 975-983, 2014.

  • ZANINI, R. V. ; SANTOS, I. S. ; GIGANTE, D. P. ; MATIJASEVICH, A. ; BARROS, F.C. ; BARROS, A.J.D. . Body composition assessment using DXA in six-year-old children: the 2004 Pelotas Birth Cohort, Rio Grande do Sul State, Brazil. Cadernos de Saúde Pública (ENSP. Impresso) , v. 30, p. 2123-2133, 2014.

  • MATIJASEVICH, A. ; MURRAY, E. ; STEIN, A. ; ANSELMI, L. ; MENEZES, A. M. B. ; SANTOS, I. S. ; Barros, A.J. D ; GIGANTE, D. P. ; BARROS, F.C. ; VICTORA, C.G. . Increase in child behavior problems among urban Brazilian 4-year olds: 1993 and 2004 Pelotas birth cohorts. Journal of Child Psychology and Psychiatry and Allied Disciplines (Print) , v. 55, p. 1125-1134, 2014.

  • COUTINHO, L. ; SCAZUFCA, M. ; MATIJASEVICH, A. ; MENEZES, P. R. . Prevalência de transtornos mentais comuns e contexto social: análise multinível do São Paulo Ageing & Health Study (SPAH). Cadernos de Saúde Pública (ENSP. Impresso) , v. 30, p. 1875-1883, 2014.

  • PERES, K. G. A. ; PERES, M. A. ; DEMARCO, F. F. ; GIGANTE, D. P. ; HORTA, B. L. ; MENEZES, A. M. B. ; HALLAL, P. ; MATIJASEVICH, A. ; SANTOS, I. S. ; Barros, A.J. D . A saúde bucal nas coortes de nascimentos de Pelotas, RS, Brasil. Revista Brasileira de Epidemiologia (Impresso) , v. 17, p. 281-284, 2014.

  • SANTOS, I. S. ; MATIJASEVICH, A. ; GORGOT, L. R. M. R. ; VALLE, N. ; MENEZES, A. M. B. . Óbitos infantis evitáveis nas coortes de nascimentos de Pelotas, Rio Grandedo Sul, Brasil, de 1993 e 2004. Cadernos de Saúde Pública (ENSP. Impresso) , v. 30, p. 2331-2343, 2014.

  • SANTOS, IS ; MATIJASEVICH, A. ; Barros, A.J. D ; BARROS, F.C. . Antenatal and postnatal maternal mood symptoms and psychiatric disorders in pre-school children from the 2004 Pelotas Birth Cohort. Journal of Affective Disorders (Print) , v. 164, p. 112-117, 2014.

  • DOMINGUES, M. R. ; MATIJASEVICH, A. ; BARROS, A.J.D. ; SANTOS, I.S. ; HORTA, B. L. ; HALLAL, P. . Physical Activity during Pregnancy and Offspring Neurodevelopment and IQ in the First 4 Years of Life. Plos One , v. 9, p. e110050, 2014.

  • Matijasevich, Alicia ; MUNHOZ, T. N. ; TAVARES, B. F. ; Barbosa, A P P N ; da Silva, D. M. ; Abitante, M. S. ; Dall'Agnol, T. A. ; SANTOS, I. S. . Validation of the Edinburgh postnatal depression scale (EPDS) for screening of major depressive episode among adults from the general population. BMC Psychiatry (Online) , v. 14, p. 284, 2014.

  • CAMARGO-FIGUEIRA, F. A. ; BARROS, A ; SANTOS, I.S. ; MATIJASEVICH, A. ; BARROS, F.C. . Early life determinants of low IQ at age 6 in children from the 2004 Pelotas Birth Cohort: a predictive approach. BMC Pediatrics (Online) , v. 14, p. 308, 2014.

  • SANTOS, I. S. ; Barros, A. J. ; MATIJASEVICH, A. ; ZANINI, R. ; CHRESTANI CESAR, M. A. ; CAMARGO-FIGUERA, F. A. ; OLIVEIRA, I. O. ; Barros, F. C. ; Victora, C. G. . Cohort Profile Update: 2004 Pelotas (Brazil) Birth Cohort Study. Body composition, mental health and genetic assessment at the 6 years follow-up. International Journal of Epidemiology , v. 43, p. 1437-1437f, 2014.

  • Vianna, Carolina Avila ; DA SILVA LINHARES, ROGÉRIO ; BIELEMANN, RENATA MORAES ; MACHADO, EDUARDO COELHO ; GONZÁLEZ-CHICA, DAVID ALEJANDRO ; MATIJASEVICH, ALICIA MANITTO ; GIGANTE, DENISE PETRUCCI ; DA SILVA DOS SANTOS, INÁ . Accuracy and adequacy of waist circumference cut-off points currently recommended in Brazilian adults. Public Health Nutrition , v. 17, p. 861-869, 2014.

  • KNUTH, A. G. ; ASSUNCAO, M. C. F. ; GONCALVES, H. ; Menezes, Ana Maria Baptista ; SANTOS, I. S. ; BARROS, A.J.D. ; MATIJASEVICH, A ; RAMIRES, V. V. ; SILVA, I. C. M. ; Hallal, Pedro C. . Descrição metodológica do uso de acelerometria para mensurar a prática de atividade física nas coortes de nascimentos de Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil, 1993 e 2004. Cadernos de Saúde Pública (ENSP. Impresso) , v. 29, p. 557-565, 2013.

  • Sclowitz, Iândora K. T. ; SANTOS, I. S. ; Domingues, Marlos Rodrigues ; MATIJASEVICH, A. ; BARROS, A.J.D. . Maternal smoking in successive pregnancies and recurrence of low birtweight: the 2004 Pelotas birth cohort study, Brazil. Cadernos de Saúde Pública (ENSP. Impresso) , v. 29, p. 123-130, 2013.

  • SCLOWITZ, IÂNDORA KROLOW ; Santos, Iná S ; Domingues, Marlos Rodrigues ; Matijasevich, Alicia ; BARROS, ALUÍSIO J . Prognostic factors for low birthweight repetition in successive pregnancies: a cohort study. BMC Pregnancy and Childbirth (Online) , v. 13, p. 20, 2013.

  • DELGADO, CARLOS ; Matijasevich, Alicia . Breastfeeding up to two years of age or beyond and its influence on child growth and development: a systematic review. Cadernos de Saúde Pública (ENSP. Impresso) , v. 29, p. 243-256, 2013.

  • GIGANTE, DENISE P ; Victora, Cesar G ; MATIJASEVICH, ALÍCIA ; HORTA, BERNARDO L ; Barros, Fernando C . Association of family income with BMI from childhood to adult life: a birth cohort study. Public Health Nutrition (Wallingford) , v. 16, p. 233-239, 2013.

  • NGALE, K. M. A. ; SANTOS, I. S. ; GONZALEZ-CHICA, D. A. ; DE BARROS, A. J. D. ; MATIJASEVICH, A. . Bed-sharing and risk of hospitalisation due to pneumonia and diarrhoea in infancy: the 2004 Pelotas Birth Cohort. Journal of Epidemiology and Community Health (1979) , v. 67, p. 245-249, 2013.

  • SANTOS, I. S. ; TAVARES, B. F. ; MUNHOZ, T. N. ; ALMEIDA, L. S. P. ; SILVA, N. T. B. ; TAMS, B. D. ; PATELLA, A. M. ; MATIJASEVICH, A . Sensibilidade e especificidade do Patient Health Questionnaire-9 (PHQ-9) entre adultos da população geral. Cadernos de Saúde Pública (ENSP. Impresso) , v. 29, p. 1533-1543, 2013.

  • MUNHOZ, T. N. ; SANTOS, I. S. ; MATIJASEVICH, A . Major depressive episode among Brazilian adults: A cross-sectional population-based study. Journal of Affective Disorders (Print) , v. 150, p. 401-407, 2013.

  • Howe, L. D. ; Tilling, K. ; MATIJASEVICH, A. ; PETHERICK, E. S. ; SANTOS, A. C. ; FAIRLEY, L. ; WRIGHT, J. ; SANTOS, I. S. ; Barros, A. J. D. ; MARTIN, R. M. ; KRAMER, M. S. ; BOGDANOVICH, N. ; MATUSH, L. ; BARROS, H. ; LAWLOR, D. A. . Linear spline multilevel models for summarising childhood growth trajectories: A guide to their application using examples from five birth cohorts. Statistical Methods in Medical Research , v. 0(0), p. 1-21, 2013.

  • MATIJASEVICH, A ; SILVEIRA, Mariângela Freitas da ; MATOS, A. C. G. ; RABELLO NETO, D. ; FERNANDES, R. M. ; MARANHAO, A. G. ; CORTEZ-ESCALANTE, J. J. ; BARROS, F.C. ; VICTORA, C.G. . Estimativas corrigidas da prevalência de nascimentos pré-termo no Brasil, 2000 a 2011. Epidemiologia e Serviços de Saúde , v. 22, p. 557-564, 2013.

  • SILVEIRA, M. ; MATIJASEVICH, A. ; HORTA, B. L. ; BETTIOL, H. ; BARBIERI, M. A. ; SILVA, A. A. ; RONDO, P. H. ; LUNARDELLI, A. N. ; PERES, M. A. ; GURGEL, R. Q. ; CUNHA, A. L. ; CALVANO, L. M. ; AMIN JR, J. ; LEAL, M. C. ; MATOS, A. C. G. ; MARANHAO, A. G. ; CORTEZ-ESCALANTE, J. J. ; BARROS, A.J.D. ; BARROS, F.C. ; VICTORA, C.G. . Prevalência de nascimentos pré-termo por peso ao nascer: revisão sistemática. Revista de Saúde Pública (Impresso) , v. 47, p. 992-1003, 2013.

  • HOWE, L D ; HALLAL, P C ; MATIJASEVICH, A ; WELLS, J C ; SANTOS, I S ; BARROS, A J D ; LAWLOR, D A ; VICTORA, C G ; SMITH, G D . The association of birth order with later body mass index and blood pressure: a comparison between prospective cohort studies from the United Kingdom and Brazil. International Journal of Obesity , v. 38, p. 973-979, 2013.

  • CAMARGO, M. B. J. ; BARROS, A.J.D. ; FRAZAO, P. ; MATIJASEVICH, A. ; SANTOS, I. S. ; PERES, M. A. ; PERES, K. G. A. . Predictors of dental visits for routine check-ups and for the resolution of problems among preschool children.. Revista de Saúde Pública (USP. Impresso) , v. 46, p. 87-97, 2012.

  • Matijasevich, Alicia ; Howe, Laura D. ; Tilling, Kate ; Santos, Iná S. ; Barros, Aluísio J. D. ; Lawlor, Debbie A. . Maternal education inequalities in height growth rates in early childhood: 2004 Pelotas birth cohort study. Paediatric and Perinatal Epidemiology (Print) , v. 26, p. 236-249, 2012.

  • BARROS, F.C. ; MATIJASEVICH, A ; HALLAL, P. ; HORTA, B. L. ; BARROS, A.J.D. ; MENEZES, A. M. B. ; GIGANTE, D.P. ; SANTOS, I. S. ; VICTORA, C.G. . Cesarean section and the risk of obesity in childhood, adolescence, and early adulthood: evidence from three Brazilian birth cohorts. American Journal of Clinical Nutrition , v. 95, p. 465-470, 2012.

  • SANTOS, I. S. ; MATIJASEVICH, A. ; DOMINGUES, M. . Maternal caffeine consumption and infant nighttime waking at age of 3 months. Pediatrics (Evanston) , v. 129, p. 860-868, 2012.

  • CHICA, D. A. G. ; GONCALVES, H. ; NAZMI, A. ; SANTOS, I. S. ; Barros, A.J. D ; MATIJASEVICH, A. ; VICTORA, C.G. . Seasonality of infant feeding practices in three Brazilian birth cohorts. International Journal of Epidemiology , v. 41, p. 743-52, 2012.

  • MOTA, D. M. ; BARROS, A.J.D. ; SANTOS, I. ; MATIJASEVICH, A. . Characteristics of Intestinal Habits In Children Under Four Years of Age: Detecting Constipation.. Journal of Pediatric Gastroenterology and Nutrition , v. 55, p. 451-456, 2012.

  • Howe, L. D. ; MATIJASEVICH, A. ; Tilling, K. ; BRION, M. J. ; LEARY, S. D. ; Davey Smith, G ; LAWLOR, D. A. . Maternal smoking during pregnancy and offspring trajectories of height and adiposity: comparing maternal and paternal associations. International Journal of Epidemiology , v. 41, p. 722-32, 2012.

  • MENEZES, A. M. B. ; HALLAL, P. ; Dumith, S. C. ; Matijasevich, A. M. ; ARAUJO, C. L. ; YUDKIN, J. ; OSMOND, C. ; Barros, F. C. ; Victora, C. G. . Adolescent blood pressure, body mass index and skin folds: sorting out the effects of early weight and length gains. Journal of Epidemiology and Community Health (1979) , v. 66, p. 149-154, 2012.

  • MATIJASEVICH, A. ; Victora, C. G. ; LAWLOR, D. A. ; Golding, J. ; Menezes, Ana M ; Araújo, Cora L. ; Barros, A. J. ; Santos, I. S ; Barros, F. C. ; Smith, G. D. . Association of socioeconomic position with maternal pregnancy and infant health outcomes in birth cohort studies from Brazil and the UK. Journal of Epidemiology and Community Health (1979) , v. 66, p. 127-135, 2012.

  • Gatica, Giovanna ; Barros, Aluisio J D ; Madruga, Samanta ; Matijasevich, Alicia ; Santos, Ina S . Food intake profiles of children aged 12, 24 and 48 months from the 2004 Pelotas (Brazil) birth cohort: an exploratory analysis using principal components. The International Journal of Behavioural Nutrition and Physical Activity (Online) , v. 9, p. 43, 2012.

  • França-Pinto, C.C. ; Cenci, M.S. ; Correa, M.B. ; Romano, A.R. ; Peres, M.A. ; Peres, K.G. ; MATIJASEVICH, A. ; SANTOS, I.S. ; BARROS, A.J.D. ; Demarco, F.F. . Association between Black Stains and Dental Caries in Primary Teeth: Findings from a Brazilian Population-Based Birth Cohort. Caries Research (Online) , v. 46, p. 170-176, 2012.

  • MUNIZ, L. C. ; SCHNEIDER, B. C. ; SILVA, I. C. M. ; MATIJASEVICH, A. ; SANTOS, I. S. . Accumulated behavioral risk factors for cardiovascular diseases in Southern Brazil. Revista de Saúde Pública (USP. Impresso) , v. 46, p. 534-542, 2012.

  • VIEIRA, M. F. A. ; MATIJASEVICH, A. ; Damiani, M. F. ; MADRUGA, S. W. ; NEUTZLING, M. B. ; MENEZES, A. M. B. ; ARAUJO, C. L. ; HALLAL, P. . Prevalência de retenção escolar e fatores associados em adolescentes da coorte de nascimentos de 1993 em Pelotas, Brasil. Revista Panamericana de Salud Pública (Impresa) / Pan American Journal of Public Health (Impresa) , v. 31, p. 303-309, 2012.

  • Matijasevich, Alicia ; Santos, Iná S. ; Menezes, Ana M. B. ; Barros, Aluísio J. D. ; Gigante, Denise P. ; Horta, Bernardo L. ; Barros, Fernando C. ; Victora, Cesar G. . Trends in socioeconomic inequalities in anthropometric status in a population undergoing the nutritional transition: data from 1982, 1993 and 2004 Pelotas Birth Cohort studies. BMC Public Health (Online) , v. 12, p. 511, 2012.

  • Vianna, Carolina Avila ; González, David Alejandro ; Matijasevich, Alicia . Utilização de ácido acetilsalicílico (AAS) na prevenção de doenças cardiovasculares: um estudo de base populacional. Cadernos de Saúde Pública (ENSP. Impresso) , v. 28, p. 1122-1132, 2012.

  • BOEIRA, G. F. ; Correa, M.B. ; Peres, K. G. ; Peres, M.A. ; Santos, I. S ; MATIJASEVICH, A. ; BARROS, A.J.D. ; Demarco, F.F. . Caries Is the Main Cause for Dental Pain in Childhood: Findings from a Birth Cohort. Caries Research , v. 46, p. 488-495, 2012.

  • Howe, L. D. ; GALOBARDES, B. ; MATIJASEVICH, A. ; GORDON, D. ; JOHNSTON, D. ; ONWUJEKWE, O. ; PATEL, R. ; WEBB, E. A. ; LAWLOR, D. A. ; HARGREAVES, J. R. . Measuring socio-economic position for epidemiological studies in low- and middle-income countries: a methods of measurement in epidemiology paper. International Journal of Epidemiology , v. 41, p. 871-886, 2012.

  • VICTORA, C.G. ; BARROS, F.C. ; ASSUNCAO, M. C. F. ; RESTREPO-MENDEZ, M. C. ; Matijasevich, Alicia ; MARTORELL, R. . Scaling up maternal nutrition programs to improve birth outcomes: A review of implementation issues. Food and Nutrition Bulletin (Tokyo. Print) , v. 33, p. 6-26, 2012.

  • GORDON, D. ; Howe, L. D. ; GALOBARDES, B. ; MATIJASEVICH, A. ; JOHNSTON, D. ; ONWUJEKWE, O. ; PATEL, R. ; WEBB, E. A. ; LAWLOR, D. A. ; HARGREAVES, J. R. . Authors' Response to: Alternatives to principal components analysis to derive asset-based indices to measure socio-economic position in low- and middle-income countries: the case for multiple correspondence analysis. International Journal of Epidemiology , v. 41, p. 1209-1210, 2012.

  • SILVA, V. L. S. ; Santos, Iná S. ; MEDRONHA, N. S. ; Matijasevich, Alicia . Mortalidade infantil na cidade de Pelotas, estado do Rio Grande do Sul, Brasil, no período 2005-2008: uso da investigação de óbitos na análise das causas evitáveis. Epidemiologia e Serviços de Saúde , v. 21, p. 265-274, 2012.

  • BARROS, F.C. ; Díaz-Rossello, J.L. ; MATIJASEVICH, A ; DUMITH, S. ; BARROS, A.J.D. ; SANTOS, I. S. ; MOTA, D. M. ; VICTORA, C.G. . Gestational age at birth and morbidity, mortality and growth in the first 4 years of life: findings from three birth cohorts in Southern Brazil. BMC Pediatrics (Online) , v. 12, p. 169, 2012.

  • Bertoldi, Andréa D ; PIZZOL, T. S. D. ; Camargo, A. L. ; Barros, A. J. ; Matijasevich, Alicia ; SANTOS, I. S. . Use of medicines with unknown fetal risk among pregnant women from the 2004 Pelotas Birth Cohort (Brazil). Journal of Pregnancy , v. 1, p. 2012:257597, 2012.

  • MARTÍNEZ-MESA, JEOVANY ; MENEZES, ANA M.B. ; GONZÁLEZ, DAVID A. ; Horta, Bernardo L. ; Matijasevich, Alicia ; Gigante, Denise P. ; Hallal, Pedro C. . Life Course Association of Maternal Smoking During Pregnancy and Offspring's Height: Data From the 1993 Pelotas (Brazil) Birth Cohort. Journal of Adolescent Health , v. 51, p. S53-S57, 2012.

  • MATIJASEVICH, A ; BRION, M. J. ; MENEZES, A. M. B. ; BARROS, A.J.D. ; SANTOS, I. S. ; BARROS, F.C. . Maternal smoking during pregnancy and offspring growth in childhood: 1993 and 2004 Pelotas cohort studies. Archives of Disease in Childhood , v. 96, p. 519-525, 2011.

  • Santos, Iná S. ; Matijasevich, Alicia ; Domingues, Marlos Rodrigues ; Barros, Aluísio J.D. ; Barros, Fernando C.F. . Reply. The Journal of Pediatrics , v. 158, p. 1037, 2011.

  • MENEZES, A. M. B. ; Hallal, P. C. ; Matijasevich, A. M. ; Barros, A. J. D. ; HORTA, B. L. ; Araujo, C. L. P. ; Gigante, D. P. ; SANTOS, I. S. ; Minten, G. ; DOMINGUES, M. R. ; Dumith, S. C. ; Barros, F. C. . Caesarean sections and risk of wheezing in childhood and adolescence: data from two birth cohort studies in Brazil. Clinical and Experimental Allergy (Print) , v. 41, p. 218-223, 2011.

  • Barros, Fernando C ; Barros, Aluísio J D ; Villar, José ; Matijasevich, Alicia ; Domingues, Marlos R ; Victora, Cesar G . How many low birthweight babies in low- and middle-income countries are preterm?. Revista de Saúde Pública (USP. Impresso) , v. 45, p. 607-616, 2011.

  • Barros, A.J. D ; SANTOS, I. S. ; Matijasevich, Alicia ; DOMINGUES, M. ; SILVEIRA, M. ; BARROS, F.C. ; Victora, Cesar G. . Patterns of deliveries in a Brazilian birth cohort: almost universal cesarean sections for the better-off. Revista de Saúde Pública (USP. Impresso) , v. 45, p. 635-643, 2011.

  • CASCAES, A. M. ; PERES, K. G. A. ; PERES, M. A. ; DEMARCO, F. F. ; SANTOS, I. S. ; Matijasevich, A. M. ; Barros, A.J. D . Validade do padrão de higiene bucal de crianças aos cinco anos de idade relatado pelas mães. Revista de Saúde Pública (USP. Impresso) , v. 45, p. 668-675, 2011.

  • Santos, Iná S. ; Matijasevich, Alicia ; Barros, Aluísio J. D. ; Albernaz, Elaine P. ; Domingues, Marlos Rodrigues ; Valle, Neiva C. J. ; Malta, Deborah Carvalho ; Gorgot, Luís Ramón M. R. ; Barros, Fernando C. . Avoidable deaths in the first four years of life among children in the 2004 Pelotas (Brazil) birth cohort study. Cadernos de Saúde Pública (ENSP. Impresso) , v. 27, p. s185-s197, 2011.

  • Brion, M.-J. A. ; LAWLOR, D. A. ; MATIJASEVICH, A. ; Horta, B. ; ANSELMI, L. ; ARAUJO, C. L. ; MENEZES, A. M. B. ; Victora, C. G. ; Smith, G. D. . What are the causal effects of breastfeeding on IQ, obesity and blood pressure? Evidence from comparing high-income with middle-income cohorts. International Journal of Epidemiology , v. 40, p. 670-680, 2011.

  • Gallo, Erika Alejandra Giraldo ; Anselmi, Luciana ; Dumith, Samuel C. ; Scazufca, Marcia ; Menezes, Ana M. B. ; Hallal, Pedro C. ; Matijasevich, Alicia . Tamanho ao nascer e problemas de saúde mental aos 11 anos em uma coorte brasileira de nascimentos. Cadernos de Saúde Pública (ENSP. Impresso) , v. 27, p. 1622-1632, 2011.

  • Restrepo-Mendez, Maria C ; Barros, Aluisio JD ; Santos, Ina S ; Menezes, Ana MB ; Matijasevich, Alicia ; Barros, Fernando C ; Victora, Cesar G . Childbearing during adolescence and offspring mortality: findings from three population-based cohorts in southern Brazil. BMC Public Health (Online) , v. 11, p. 781, 2011.

  • SANTOS, I. S. ; Barros, A.J. D ; MATIJASEVICH, A ; Barros, F.C. ; VICTORA, C.G. . Cohort profile: the 2004 Pelotas (Brazil) birth cohort study. International Journal of Epidemiology , v. 40, p. 1461-1468, 2011.

  • Bueno, Marcínia Moreno ; Matijasevich, Alicia . Avaliação da cobertura vacinai contra hepatite B nos menores de 20 anos em municípios do Estado do Rio Grande do Sul, Brasil. Epidemiologia e Serviços de Saúde , v. 20, p. 345-354, 2011.

  • GORGOT, L. R. M. R. ; SANTOS, IS ; Santos, I. S. ; VALLE, Neiva Cristina Jorge ; MATIJASEVICH, A. ; BARROS, Aluísio Jardim Dornellas de ; ALBERNAZ, Elaine . Avoidable deaths until 48 months of age among children from the 2004 Pelotas birth cohort. Revista de Saúde Pública (USP. Impresso) , v. 45, p. 334-342, 2011.

  • Silveira, Mariângela F. ; Victora, Cesar G. ; Barros, Aluísio J. D. ; Santos, Iná S. ; Matijasevich, Alicia ; Barros, Fernando C. . Determinants of preterm birth: Pelotas, Rio Grande do Sul State, Brazil, 2004 birth cohort. Cadernos de Saúde Pública (ENSP. Impresso) , v. 26, p. 185-194, 2010.

  • de Moura, Danilo R. ; Costa, Jaderson C. ; Santos, Iná S. ; Barros, Aluísio J. D ; Matijasevich, Alicia ; Halpern, Ricardo ; Dumith, Samuel ; Karam, Simone ; Barros, Fernando C. . Risk factors for suspected developmental delay at age 2 years in a Brazilian birth cohort. Paediatric and Perinatal Epidemiology (Print) , v. 24, p. 211-221, 2010.

  • Victora, C. ; MATIJASEVICH, A ; SILVEIRA, M. ; SANTOS, I. ; Barros, A. ; Barros, F. . Socio-economic and ethnic group inequities in antenatal care quality in the public and private sector in Brazil. Health Policy and Planning (Print) , v. 2, p. 1-9, 2010.

  • Barros, F. C. ; MATIJASEVICH, A. ; REQUEJO, J. H. ; Giugliani, E. ; Goretti Maranhao, A. ; MONTEIRO, C. A. ; Barros, A. J. D. ; BUSTREO, F. ; MERIALDI, M. ; Victora, C. G. . Recent Trends in Maternal, Newborn, and Child Health in Brazil: Progress Toward Millennium Development Goals 4 and 5. American Journal of Public Health (1971) , p. e1-e13, 2010.

  • Brion, M.-J. ; Victora, C. ; MATIJASEVICH, A. ; Horta, B. ; ANSELMI, L. ; STEER, C. ; MENEZES, A. M. B. ; LAWLOR, D. A. ; Davey Smith, G. . Maternal Smoking and Child Psychological Problems: Disentangling Causal and Noncausal Effects. Pediatrics (Evanston) , v. 126, p. e57-e65, 2010.

  • Barros, A. J. ; MATIJASEVICH, A. ; Santos, I. S ; HALPERN, R. . Child development in a birth cohort: effect of child stimulation is stronger in less educated mothers. International Journal of Epidemiology , v. 39, p. 285-294, 2010.

  • MATIJASEVICH, A. ; DOMINGUES, M. R. . Physical exercise and preterm birth. Revista Brasileira de Ginecologia e Obstetrícia (Impresso) , v. 32, p. 415-419, 2010.

  • Mota, Denise M. ; Barros, Aluisio J. D. ; MATIJASEVICH, A. ; Santos, Iná S. . Longitudinal study of sphincter control in a cohort of Brazilian children. Jornal de Pediatria (Impresso) , v. 86, p. 429-434, 2010.

  • Moura, Danilo R ; Costa, Jaderson C ; Santos, Iná S ; Barros, Aluísio JD ; Matijasevich, Alicia ; Halpern, Ricardo ; Dumith, Samuel ; Karam, Simone ; Barros, Fernando C . Natural history of suspected developmental delay between 12 and 24?months of age in the 2004 Pelotas birth cohort. Journal of Paediatrics and Child Health (Print) , v. 46, p. 329-336, 2010.

  • Santos, Iná S. ; Matijasevich, Alicia ; Domingues, Marlos Rodrigues ; Barros, Aluísio J.D. ; Barros, Fernando C.F. . Long-Lasting Maternal Depression and Child Growth at 4 Years of Age: A Cohort Study. The Journal of Pediatrics , v. 157, p. 401-406, 2010.

  • SILVEIRA, M. ; SANTOS, I. S. ; MATIJASEVICH, A. ; MALTA, D. C. ; DUARTE, E. C. . Nascimentos pré-termo no Brasil entre 1994 e 2005 conforme o Sistema de Informações sobre Nascidos Vivos (SINASC). Cadernos de Saúde Pública (FIOCRUZ) , v. 25, p. 1267-1275, 2009.

  • MATIJASEVICH, A. ; Victora, Cesar G ; Golding, Jean ; Barros, Fernando C ; Menezes, Ana M ; Araujo, Cora L ; Davey Smith, George . Socioeconomic position and overweight among adolescents: data from birth cohort studies in Brazil and the UK. BMC Public Health (Online) , v. 9, p. 105, 2009.

  • Velez, MP ; SANTOS, I. S. ; MATIJASEVICH, A. ; GIGANTE, D.P. ; Gonçalvez, Helen ; Barros, F.C. ; VICTORA, C.G. . Maternal Low Birthweight and Adverse Perinatal Outcomes: The 1982 Pelotas (Brazil) Birth Cohort Study. Revista Panamericana de Salud Pública (Impresa) / Pan American Journal of Public Health (Impresa) , v. 26, p. 112-119, 2009.

  • Domingues, Marlos Rodrigues ; MATIJASEVICH, A. ; Barros, Aluísio J.D. . Physical Activity and Preterm Birth. Sports Medicine (Auckland) , v. 39, p. 961-975, 2009.

  • MATIJASEVICH, A. ; Golding, J ; Davey Smith, G ; SANTOS, I. S. ; BARROS, A.J.D. ; VICTORA, C.G. . Differentials and income-related inequalities in maternal depression during the first two years after childbirth: birth cohort studies from Brazil and the UK. Clinical Practice and Epidemiology in Mental Health , v. 5, p. 12, 2009.

  • SANTOS, I. S. ; MOTA, D. M. ; MATIJASEVICH, A. ; Barros, A.J. D ; BARROS, F.C. . Bed-Sharing at 3 Months and Breast-Feeding at 1 Year in Southern Brazil. The Journal of Pediatrics , v. 155, p. 505-509, 2009.

  • MATIJASEVICH, A. ; SANTOS, I.S. ; SANTOS, I. S. ; SILVEIRA, M. ; DOMINGUES, M. ; Barros, A.J. D ; MARCO, P. L. ; Barros, F.C. . Inequities in maternal postnatal visits among public and private patients: 2004 Pelotas cohort study. BMC Public Health (Online) , v. 9, p. 335, 2009.

  • Santos, Ina S ; MATIJASEVICH, A. ; Domingues, Marlos R ; Barros, Aluísio JD ; Victora, Cesar G ; Barros, Fernando C . Late preterm birth is a risk factor for growth faltering in early childhood: a cohort study. BMC pediatrics (Online) , v. 9, p. 71, 2009.

  • Chrestani, Maria Aurora Dropa ; Santos, Iná da Silva dos ; MATIJASEVICH, A. . Hipertensão arterial sistêmica auto-referida: validação diagnóstica em estudo de base populacional. Cadernos de Saúde Pública (ENSP. Impresso) , v. 25, p. 2395-2406, 2009.

  • BARROS, A.J.D. ; MATIJASEVICH, A. ; SANTOS, I. ; ALBERNAZ, E. P. ; VICTORA, C.G. . Neonatal mortality: description and effect of hospital of birth after risk adjustment.. Revista de Saúde Pública (USP. Impresso) , v. 42, p. 1-9, 2008.

  • MATIJASEVICH, A. ; VICTORA, C.G. ; BARROS, A.J.D. ; SANTOS, I. ; MARCO, P. L. ; ALBERNAZ, E. P. ; BARROS, F.C. . Widening ethnic disparities in infant mortality in Southern Brazil: comparison of 3 birth cohorts.. American Journal of Public Health (1971) , v. 98, p. 692-698, 2008.

  • MATIJASEVICH, A. ; SANTOS, I. ; BARROS, A.J.D. ; MENEZES, A. M. B. ; ALBERNAZ, E. P. ; BARROS, F.C. ; TIMM, I. K. ; VICTORA, C.G. . Perinatal mortality in three population-based cohorts from southern Brazil: trends and differentials. Cadernos de Saúde Pública (FIOCRUZ) , v. 24, p. 399-408, 2008.

  • MATIJASEVICH, A. ; CESAR, J. A. ; SANTOS, I.S. ; BARROS, A.J.D. ; DODE, M. A. ; BARROS, F.C. ; VICTORA, C.G. . Hospitalization during infancy in three population-based studies in southern Brazil: trends and differentials. Cadernos de Saúde Pública (FIOCRUZ) , v. 24, p. 437-443, 2008.

  • VICTORA, C.G. ; MATIJASEVICH, A. ; SANTOS, I.S. ; BARROS, A.J.D. ; HORTA, B. L. ; BARROS, F.C. . Breastfeeding and feeding patterns in three birth cohorts in southern Brazil: trends and differentials. Cadernos de Saúde Pública (FIOCRUZ) , v. 24, p. 409-416, 2008.

  • CESAR, J. A. ; MATIJASEVICH, A. ; SANTOS, I.S. ; BARROS, A.J.D. ; Dias da Costa, J.S. ; BARROS, F.C. ; VICTORA, C.G. . The use of maternal and child health services in three population-based cohorts in Southern Brazil, 1982-2004. Cadernos de Saúde Pública (FIOCRUZ) , v. 24, p. 427-436, 2008.

  • SANTOS, I.S. ; BARROS, A.J.D. ; MATIJASEVICH, A. ; TOMASI, E. ; MEDEIROS, R. S. ; DOMINGUES, M. R. ; BERTOLDI, A. D. ; BARROS, F.C. ; VICTORA, C.G. . Mothers and their pregnancies: a comparison of three population-based cohorts in southern Brazil. Cadernos de Saúde Pública (FIOCRUZ) , v. 24, p. 381-389, 2008.

  • Barros, Aluísio J. D. ; Santos, Iná S. ; MATIJASEVICH, A. ; Araújo, Cora L. ; Gigante, D. P. ; Menezes, Ana M. B. ; Horta, Bernardo L. ; Tomasi, Elaine ; Victora, Cesar G. ; Barros, Fernando C. . Methods used in the 1982, 1993, and 2004 birth cohort studies from Pelotas, Rio Grande do Sul State, Brazil, and a description of the socioeconomic conditions of participants' families. Cadernos de Saúde Pública (FIOCRUZ) , v. 24, p. 371-380, 2008.

  • BARROS, F.C. ; VICTORA, C.G. ; MATIJASEVICH, A. ; SANTOS, I.S. ; HORTA, B. L. ; SILVEIRA, M. ; BARROS, A.J.D. . Preterm births, low birth weigh and intra-uterine growth restriction and in three birth cohorts in southern Brazil: 1982, 1993 and 2004. Cadernos de Saúde Pública (FIOCRUZ) , v. 24, p. 390-398, 2008.

  • HALPERN, R. ; BARROS, A.J.D. ; MATIJASEVICH, A. ; SANTOS, I.S. ; VICTORA, C.G. ; BARROS, F.C. . Developmental status at age12 months according to birth weight and family income: a comparison between two birth cohort studies in Pelotas, Brazil: 1993 and 2004. Cadernos de Saúde Pública (FIOCRUZ) , v. 24, p. 444-450, 2008.

  • BARROS, A.J.D. ; VICTORA, C.G. ; SANTOS, I.S. ; MATIJASEVICH, A. ; ARAUJO, C. L. ; BARROS, F.C. . Infant malnutrition and obesity in three populatio- based birth cohorts studies in southern Brazil: trends and differences. Cadernos de Saúde Pública (FIOCRUZ) , v. 24, p. 417-426, 2008.

  • SANTOS, I. ; MOTA, D. M. ; MATIJASEVICH, A. . Epidemiology of Co-sleeping and Nighttime Waking at 12 Months in a Birth Cohort. Jornal de Pediatria , v. 84, p. 114-122, 2008.

  • SILVEIRA, M. ; BARROS, A.J.D. ; SANTOS, I.S. ; MATIJASEVICH, A. ; VICTORA, C.G. . Socioeconomic Differentials in Performing Urinalysis Prenatal Care. Revista de Saúde Pública / Journal of Public Health , v. 42, p. 389-395, 2008.

  • Santos, Iná S. ; MATIJASEVICH, A. ; Silveira, Mariângela F. ; Sclowitz, Iândora K. T. ; Barros, Aluísio J. D. ; Victora, Cesar G. ; Barros, Fernando C. . Associated factors and consequences of late preterm births: results from the 2004 Pelotas birth cohort. Paediatric and Perinatal Epidemiology (Print) , v. 22, p. 350-359, 2008.

  • VIEIRA, M. F. A. ; Araújo, Cora Luiza Pavin ; Hallal, Pedro Curi ; Madruga, Samanta Winck ; Neutzling, Marilda Borges ; MATIJASEVICH, A. ; Leal, Cynthia Munhoz dos Anjos ; Menezes, Ana Maria Baptista . Estado nutricional de escolares de 1ª a 4ª séries do Ensino Fundamental das escolas urbanas da cidade de Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil. Cadernos de Saúde Pública (FIOCRUZ) , v. 24, p. 1667, 2008.

  • SANTOS, I.S. ; MENEZES, A. M. B. ; MOTA, D. M. ; ALBERNAZ, E. P. ; BARROS, A.J.D. ; MATIJASEVICH, A. ; BARROS, F.C. ; VICTORA, C.G. . Infant mortality in three population-based cohorts in southern Brazil: trends and differentials. Cadernos de Saúde Pública (FIOCRUZ) , v. 24, p. 451-460, 2008.

  • DOMINGUES, M. R. ; BARROS, A.J.D. ; MATIJASEVICH, A. . Leisure-time physical activity during pregnancy and preterm birth in Brazil.. International Journal of Gynaecology and Obstetrics , v. 103, p. 9-15, 2008.

  • Silveira, Mariângela F ; Santos, Iná S ; Barros, A.J. D ; MATIJASEVICH, A. ; Barros, F.C. ; Victora, Cesar G . Aumento da prematuridade no Brasil: revisão de estudos de base populacional. Revista de Saúde Pública / Journal of Public Health , v. 42, p. 957, 2008.

  • Albernaz, Elaine ; Araújo, Cora L. ; Tomasi, Elaine ; Mintem, Gicele ; Giugliani, Elsa ; MATIJASEVICH, A. ; Onis, Mercedes de ; Barros, Fernando C. ; Victora, Cesar G. ; VICTORA, C.G. . Influence of breastfeeding support on the tendencies of breastfeeding rates in the city of Pelotas, RS, Brazil, from 1982 to 2004. Jornal de Pediatria , v. 84, p. 560-564, 2008.

  • SANTOS, I. ; MATIJASEVICH, A. ; TAVARES, B. F. ; BARROS, A.J.D. ; BOTELHO, I. P. ; LAPOLLI, C. ; MAGALHAES, P. V. ; BARBOSA, A. P. ; BARROS, F.C. . Validation of the Edinburgh Postnatal Depression Scale (EPDS) in a sample of mothers from the 2004 Pelotas Birth Cohorte study.. Cadernos de Saúde Pública (FIOCRUZ) , v. 23, p. 2577-2588, 2007.

  • SANTOS, I. ; MATIJASEVICH, A. ; TAVARES, B. F. ; da CRUZ LIMA, A. C. ; RIEGEL, R. E. ; LOPES, B. C. . Comparing validity of Edinburgh scale and SRQ20 in screening for post-partum depression. Clinical Practice and Epidemiology in Mental Health , v. 3, p. 18, 2007.

  • MATIJASEVICH, A. ; Barros, Fernando C. ; Santos, Ina S. ; Yemini, Alejandra . Maternal caffeine consumption and fetal death: a case-control study in Uruguay. Paediatric and Perinatal Epidemiology (Print) , v. 20, p. 100-109, 2006.

  • SANTOS, I.S. ; MATIJASEVICH, A. ; VALLE, N. ; GIGANTE, D.P. ; MOURA, D. . Milk thickeners do not influence anthropometric indices in childhood.. Food and Nutrition Bulletin (Tokyo) , v. 27, p. 245-251, 2006.

  • Barros, Aluísio J D ; Santos, Iná da Silva dos ; Victora, Cesar G ; Albernaz, Elaine P ; Domingues, Marlos R ; Timm, Iândora K ; Matijasevich, Alicia ; Bertoldi, Andréa D ; Barros, F.C. . Coorte de nascimentos de Pelotas, 2004: metodologia e descrição. Revista de Saúde Pública / Journal of Public Health , v. 40, p. 402-413, 2006.

  • BARROS, F.C. ; VICTORA, C.G. ; BARROS, A.J.D. ; SANTOS, I. ; ALBERNAZ, E. ; MATIJASEVICH, A. ; DOMINGUES, M. ; SCLOWITZ, I. ; HALLAL, P. ; SILVEIRA, M. ; VAUGHAN, J.P. . The challenge of reducing neonatal mortality in middle-income countries: findings from three Brazilian birth cohorts in 1982, 1993 and 2004.. Lancet (British edition) , v. 365, n.9462, p. 847-854, 2005.

  • SANTOS, I.S. ; MATIJASEVICH, A. ; VALLE, N. . Mate drinking during pregnancy and risk of preterm and small for gestational birth.. The Journal of Nutrition , v. 135, n.5, p. 1120-1123, 2005.

  • Matijasevich, Alicia ; Santos, Iná S. ; Barros, Fernando C. . Does caffeine consumption during pregnancy increase the risk of fetal mortality? A literature review. Cadernos de Saúde Pública (FIOCRUZ) , v. 21, n.6, p. 1676-1684, 2005.

  • MATIJASEVICH, A. ; BARROS, F.C. ; Díaz-Rossello, J.L. ; FORTEZA, C.A. . Factores de riesgo para muy bajo peso al nacer y peso al nacer entre 1500-2499g: um estudio del sector publico de Montevideo, Uruguay.. Archivos de Pediatria del Uruguay , v. 75, n.1, p. 26-35, 2004.

  • HORTAL, M. ; IRAOLA, I. ; MATIJASEVICH, A. ; ESTEVAN, M. ; de MUCIO, B . Vacunas Conjugadas Antineumococo: Información para Toma de Decisiones. Revista Salud Pública , v. 2, p. 15-18, 2003.

  • MATIJASEVICH, A. ; BARROS, F.C. ; FORTEZA, C.A. ; Díaz-Rossello, J.L. . Health care of very low birth weight infants in Montevideo, Uruguay: a comparison between public and private sectors. Jornal de Pediatria (Impresso) , v. 77, n.4, p. 313-320, 2001.

  • SIMINI, F ; Díaz-Rossello, J.L. ; MATIJASEVICH, A. ; FORTEZA, C.A. ; RUBINO, M ; DIOS, A de ; MARTINEZ, G . Perinatal Information System for Windows & Internet. Abridged user's Manual.. Montevideo: CLAP Scientific Publication 1524.02, 2003. v. 1000. 96p .

  • Matijasevich, Alicia ; MENEZES, PAULO ROSSI . Princípios da Epidemiologia. In: Milton de Arruda Martins; Flair José Carrilho; Venancio Avancini Ferreira Alves; Euclides Ayres de Castilho; Giovanni Guido Cerri. (Org.). Clínica Médica. 2ed.Barueri, SP: Editora Manole, 2015, v. 1, p. 371-386.

  • BUENO, M.M. ; MATIJASEVICH, A. . Avaliação da cobertura da vacina contra Hepatite B na população menor de 20 anos nos municípios da 3ª Coordenadoria Regional de Saúde no ano de 2007. In: Carmen Lúcia B. Moreira; Jacqueline da Silva Dutra. (Org.). Saúde Pública Baseada em Evidências. 1ed.Pelotas: Editora UFPel, 2010, v. , p. 51-52.

  • Silva, VLS ; MATIJASEVICH, A. . Mortalidade infantil e evitabilidade na cidade de Pelotas no período 2005-2008. In: Carmen Lúcia B. Moreira; Jacqueline da Silva Dutra. (Org.). Saúde Pública Baseada em Evidências. Pelotas: Editora UFPel, 2010, v. , p. 63-66.

  • MATIJASEVICH, A. ; de MUCIO, B ; HORTAL, M. . Neumococcias en la infancia: fundamentación y justificación de una vigilancia nacional. In: Organización Panamericana de la Salud. (Org.). Avances multidisciplinarios para el control integral de Streptococcus pneumoniae. Montevideo: Maria Hortal, 2004, v. 2, p. 15-24.

  • IRAOLA, I. ; ESTEVAN, M. ; MATIJASEVICH, A. . Vigilancia de las neumonias del niño: la radiología como marcador epidemiológico. In: Organización Panamericana de la Salud. (Org.). Avances multidisciplinarios para el control integral de Sreptococcus pneumoniae. Montevideo: Maria Hortal, 2004, v. , p. 65-74.

  • XAVIER, M. O. ; ZANINI, R. V. ; SANTOS, I. S. ; Barros, A.J. D ; VITORIA, B. R. ; MATIJASEVICH, A. . Comportamentos favoráveis à prática de atividade física ou ao sedentarismo e obesidade aos 4 anos: Coorte de Nascimentos de 2004, Pelotas-RS. In: XXII Congresso de Iniciação Científica, 2013, Pelotas-RS. Versão eletrônica dos anais do XXII CIC UFPel, 2013.

  • VITORIA, B. R. ; ZANINI, R. V. ; SANTOS, I. S. ; BARROS, A.J.D. ; XAVIER, M. O. ; MATIJASEVICH, A. . Ocorrência de acidentes domésticos nas crianças da coorte de nascimentos de 2004 de Pelotas, RS. In: XXII Congresso de Iniciação Científica, 2013, Pelotas-RS. Versão eletrônica dos anais do XXII CIC UFPel, 2013.

  • OLIVEIRA, M. B. ; ZANINI, R. V. ; MATIJASEVICH, A. ; BARROS, A.J.D. ; XAVIER, M. O. ; SANTOS, I. S. . Consumo de salgadinho e refrigerante entre crianças participantes da coorte de 2004 de Pelotas, RS. In: XXII Congresso de Iniciação Científica, 2013, Pelotas-RS. Versão eletrônica dos anais do XXII CIC UFPel, 2013.

  • CRUZ, J. A. ; ZANINI, R. V. ; MATIJASEVICH, A. ; Barros, A. J. D. ; XAVIER, M. O. ; SANTOS, I. S. . Consumo de doces por crianças de 4 anos de idade: coorte de nascimentos de 2004, Pelotas, RS. In: XXII Congresso de Iniciação Científica, 2013, Pelotas-RS. Versão eletrônica dos anais do XXII CIC UFPel, 2013.

  • MUNHOZ, T. N. ; SANTOS, I. S. ; NUNES, B. P. ; MATIJASEVICH, A. . Depressão em idosos: estudo transversal de base populacional. In: XV Encontro de Pós-Graduação, 2013, Pelotas-RS. Versão eletrônica dos anais do XV ENPOS UFPel, 2013.

  • MUNHOZ, T. N. ; SANTOS, I. S. ; MATIJASEVICH, A. . Episódio depressivo maior e fatores associados em adultos: estudo de base populacional. In: XIV ENPOS - Encontro da Pós-graduação UFPel, 2012, Pelotas. Versão eletrônica dos Anais do XIV ENPOS, 2012.

  • Bocanegra, C.D. ; MATIJASEVICH, A. . Influência do aleitamento materno por dois anos ou mais no crescimento e saúde mental infantil. In: XIV ENPOS - Encontro da Pós-graduação UFPel, 2012, Pelotas. Versão eletrônica dos Anais do XIV ENPOS, 2012.

  • PASSOS, D. R. ; GIGANTE, D. P. ; MACIEL, F. V. ; MATIJASEVICH, A. . Prevalência de sobrepeso e de obesidade em crianças de uma escola privada no município de Pelotas, RS. In: XIV ENPOS - Encontro da Pós-graduação UFPel, 2012, Pelotas. Versão eletrônica dos Anais do XIV ENPOS, 2012.

  • FLORES, T. R. ; NUNES, B. P. ; XAVIER, M. O. ; SANTOS, I. S. ; Barros, A.J. D ; Alfonso, P. ; Matijasevich, Alicia . Estado nutricional associado à hospitalização no primeiro ano de vida: coorte de nascidos vivos de 2004, Pelotas, RS. In: 21º Congresso de Iniciação Científica da UFPel, 2012. Versão eletrônica doa Anais deo 21º CIC UFPel, 2012.

  • XAVIER, M. O. ; NUNES, B. P. ; FLORES, T. R. ; SANTOS, I. S. ; Barros, A.J. D ; Alfonso, P. ; MATIJASEVICH, A . Estado nutricional associado ao número de refeições e ao hábito de realizar o desjejum em crianças de 4 anos de idade: coorte de nascimentos de 2004, Pelotas, RS. In: 21º Congresso de Iniciação Científica da UFPel, 2012, Pelotas. Versão eletrônica dos Anais do 21º CIC UFPel, 2012.

  • ALVES, L. G. ; MARCO, P. L. ; SANTOS, I. ; BARROS, A ; MATIJASEVICH, A. . Fatores associados à prevalência de déficit de altura para idade aos 4 anos na Coorte de Pelotas de 2004. In: XX Congresso de Iniciação Científica e III Mostra Científica da UFPel, 2011, Pelotas. Versão eletrônica dos Anais do XX CIC e III Mostra Científica, 2011.

  • PORTANTIOLO, T. N. ; MUNIZ, L. C. ; SANTOS, I. S. ; BARROS, A.J.D. ; MATIJASEVICH, A. . Diferenças socioeconômicas na frequência de anemia nos primeiros anos de vida nas crianças da Coorte de Pelotas de 2004. In: XX Congresso de Iniciação Científica e III Mostra Científica da UFPel, 2011, Pelotas. Versão eletrônica dos Anais do XX CIC e III Mostra Científica, 2011.

  • MULLER, C. R. ; MATIJASEVICH, A ; MUNIZ, L. C. ; BARROS, A.J.D. ; SANTOS, I. S. . Diferenças socioeconômicas na prevalência de déficit de peso para idade aos 4 anos na coorte de Pelotas de 2004. In: XX Congresso de Iniciação Científica e III Mostra Científica da UFPel, 2011, Pelotas. Versão eletrônica do XX CIC e III Mostra Científica, 2011.

  • MATIJASEVICH, A. . Hábito de fumar durante el embarazo y consecuencias a largo plazo en la salud de los hijos.. In: VII Reunión Internacional de Medicina Neonatal y del Desarrollo, 2010, Oviedo. VII Reunión Internacional de Medicina Neonatal y del Desarrollo. Oviedo: Universidade de Santiago de Compostela, 2010. v. 1. p. 197-201.

  • MATIJASEVICH, A. . Recién nacidos prematuros tardíos y término precoces. Experiencia de Pelotas (Brasil). In: VII Reunión Internacional de Medicina Neonatal y del Desarrollo, 2010, Oviedo. VII Reunión Internacional de Medicina Neonatal y del Desarrollo. Oviedo: Universidade de Santiago de Compostela, 2010. v. 1. p. 215-221.

  • MATIJASEVICH, A. . Aumento da prematuridade - Prematuridade Evitável?. In: Seminário Belo Horizonte pelo Parto Normal, 2008, Belo Horizonte. Anais do Seminário BH pelo Parto Normal -. Belo Horizonte: Rona Editora, 2008. v. 1. p. 33-34.

  • MATIJASEVICH, A. . Mortalidade infantil e perinatal evitável. In: Seminário Belo Horizonte pelo Parto Normal, 2008, Belo Horizonte. Anais do Seminário BH pelo Parto Normal. Belo Horizonte: Rona Editora, 2008. v. 1. p. 58-60.

  • MATIJASEVICH, A. . Riscos da cesariana sem indicação precisa. In: Seminário Belo Horizonte pelo Parto Normal, 2008, Belo Horizonte. Anais do Seminário BH pelo Parto Normal. Belo Horizonte: Rona Editora, 2008. v. '. p. 108-109.

  • MATIJASEVICH, A. ; VICTORA, C ; BARROS, A ; SANTOS, I. . Ethnic group disparities in neonatal mortality over two decades: comparison of three birth cohorts in Pelotas, Brazil. In: Tracking progress in Child Survival. Countdown to 2015, 2005, Londres. Tracking progress in Child Survival. Countdown to 2015, 2005.

  • Fatori, D ; Polanczyk, G. V. ; Miguel Filho, E. C. ; MATIJASEVICH, A. . Maternal depression trajectories in adolescent mothers living in a poor urban area and their association with parental stress, infant behavioral problems and psychological violence. In: AACAP's 64th Annual Meeting, 2017, Washington DC. New Research Posters - 5.57 - Maternal depression trajectories in adolescent mothers living in a poor urban area and their association with parental stress, infant behavioral problems, and psychological violence. Washington DC: Elsevier Inc, 2017. v. 56. p. S274-S274.

  • MUNHOZ, T. N. ; SOARES, A. L. G. ; MATIJASEVICH, A . Uso de álcool, tabaco e outras drogas em escolares de duas regiões do Brasil. In: II Congreso Iberoamericano de Epidemiología y Salud Pública, 2015, Santiago de Compostela. La epidemiologia y la salud pública ante el reto de la cronicidad. Madrid: Elsevier, 2015. v. 29. p. 59-59.

  • MUNHOZ, T. N. ; SOARES, A. L. G. ; MATIJASEVICH, A . Comportamento sexual em escolares residentes na região Sul do Brasil. In: II Congreso Iberoamericano de Epidemiología y Salud Pública, 2015, Santiago de Compostela. La epidemiología y la salud pública ante el reto de la cronicidad. Madrid: Elservier, 2015. v. 29. p. 163-163.

  • MUNHOZ, T. N. ; SOARES, A. L. G. ; MATIJASEVICH, A . Vitimização e prática de Bullying em escolares brasileiros: estudo transversal de base populacional. In: II Congreso Iberoamericano de Epidemiología y Salud Pública, 2015, Santiago de Compostela. La epidemiologia y la salud pública ante el reto de la cronicidad. Madrid: Elsevier, 2015. v. 29. p. 277-278.

  • XAVIER, M. O. ; ZANINI, R. V. ; SANTOS, I. S. ; BARROS, A.J.D. ; MATIJASEVICH, A. . Time spent using computer or playing video games and child obesity at 4 years - 2004 Pelotas Cohort Study. In: 5th International Congress on Physical Activity and Public Health, 2014, Rio de Janeiro. 5th International Congress on Physical Activity and Public Health, 2014.

  • BERTOLDI, A. D. ; BERGMANN, G. ; MIELKE, G. ; Camargo, A. L. ; MATIJASEVICH, A. ; HALLAL, P. . Physical activity as a predictor of medicine use in adolescence: prospective study. In: 5th International Congress on Physical Activity and Public Health, 2014, Rio de Janeiro. 5th International Congress on Physical Activity and Public Health, 2014.

  • SILVA, S. G. ; HALLAL, P. ; DOMINGUES, M. R. ; WEINERT, L. S. ; MATIJASEVICH, A. ; SANTOS, I. S. . Associação entre prática de atividade física no lazer e hipertensão gestacional: evidências a partir da coorte de nascimentos de 2004, Pelotas, RS. In: IX Congresso Brasileiro de Atividade Física e Saúde, 2013, Curitiba. Revista Brasileira de Atividade Física e Saúde - Congresso Brasileiro de Atividade Física e Saúde, 2013. v. 18. p. 123.

  • PASSOS, D. R. ; MATIJASEVICH, A ; GIGANTE, D. P. ; MACIEL, F. V. . Avaliação do excesso de peso e do percentual de gordura corporal em crianças de escola privada de Pelotas, RS. In: XXIV Jornada de Nutrição do Hospital de Clínicas de Porto Alegre, 2012, Porto Alegre. Anais do XXIV Jornada de Nutrição do Hospital de Clínicas de Porto Alegre, 2012.

  • MUNHOZ, T. N. ; Santos, Ina S ; Matijasevich, Alicia . Prevalência e fatores associados à depressão em adultos: estudo de base populacional. In: 10º Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva, 2012, Porto Alegre. Anais do 10º Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva, 2012.

  • FLORES, T. R. ; NUNES, B. P. ; XAVIER, M. O. ; Alfonso, P. ; SANTOS, I. S. ; BARROS, A ; MATIJASEVICH, A. . Hospitalização no primeiro ano de vida e consequências nutricionais em crianças - Coorte de 2004, Pelotas, RS. In: XI Mostra da Produção Universitária - FURG, 2012, Rio Grande. Versão eletrônica dos Anais da XI Mostra da Produção Universitária - FURG, 2012.

  • XAVIER, M. O. ; NUNES, B. P. ; FLORES, T. R. ; Alfonso, P. ; SANTOS, I. S. ; BARROS, A ; MATIJASEVICH, A . Prevalência de déficits nutricionais e obesidade em crianças e associação com características da alimentação - Coorte de nascimentos de 2004, Pelotas, RS. In: XI Mostra da Produção Universitária - FURG, 2012, Rio Grande. Versão eletrônica dos Anais da XI Mostra da Produção Universitária - FURG, 2012.

  • MATIJASEVICH, A. ; Howe, L. D. ; Tilling, K. ; SANTOS, I. S. ; Barros, A. J. D. ; LAWLOR, D. A. . P2-449 Maternal education and height growth trajectories in childhood: 2004 Pelotas Birth Cohort Study. In: IEA World Congress of Epidemiology, 2011, Edinburgo. Journal of Epidemiology & Community Health, 2011. v. 65. p. A345-A345.

  • SANTOS, I. ; MATIJASEVICH, A. ; Barros, A. ; ANSELMI, L. . P1-318 Late preterm birth and risk of behavioural problems at 4 years of age. In: IEA World Congress of Epidemiology, 2011, Edinburgo. Journal of Epidemiology & Community Health, 2011. v. 65. p. A155-A155.

  • Barros, A. ; SANTOS, I. ; MATIJASEVICH, A. . P1-390 Early and contemporary determinants of cognitive function. In: IEA World Congress of Epidemiology, 2011, Edinbugo. Journal of Epidemiology & Community Health, 2011. v. 65. p. A175-A175.

  • DEMARCO, F. ; Boeira, G. ; Correa, M. ; Peres, K. ; Peres, M. ; SANTOS, I. ; MATIJASEVICH, A. ; Barros, A. . P1-418 Prevalence of dental pain and associated factors at 5 years old: findings from a Brazilian birth cohort. In: IEA World Congress of Epidemiology, 2011, Edinburgo. Journal of Epidemiology & Community Health, 2011. v. 65. p. A183-A183.

  • CASCAES, A. M. ; Peres, K. G. ; PERES, M. A. ; DEMARCO, F. ; SANTOS, I. ; MATIJASEVICH, A. ; Barros, A. J. D. . P1-473 Assessing the psychosocial impact of dental outcomes on children and parental quality of life. In: IEA World Congress of Epidemiology, 2011, Edinburgo. Journal of Epidemiology & Community Health, 2011. v. 65. p. A198-A198.

  • Vianna, C. ; Gonzalez, D. ; MATIJASEVICH, A. . P2-312 Aspirin use in cardiovascular disease prevention: a population-based study. In: IEA World Congress of Epidemiology, 2011, Edinburgo. Journal of Epidemiology & Community Health, 2011. v. 65. p. A308-A308.

  • Peres, K. ; Peres, M. ; Cascaes, A. ; DEMARCO, F. ; MATIJASEVICH, A. ; SANTOS, I. ; Barros, A. . P2-243 The protective effect of predominant and exclusive breastfeeding on malocclusion: results from a Brazilian birth cohort. In: IEA World Congress of Epidemiology, 2011, Edinburgo. Journal of Epidemiology & Community Health, 2011. v. 65. p. A288-A288.

  • BRION, M. J. ; ROBINSON, M. ; MATIJASEVICH, A. ; STEER, C. ; ANSELMI, L. ; MENEZES, A. M. B. ; PENNELL, C. ; PALMER, L. J. ; VICTORA, C.G. ; SMITH, D. ; LAWLOR, D. A. . Maternal prenatal smoking and child aggression: exploring intrauterine effects in UK, Australian and Brazilian Cohorts. In: 7th World Congress on Developmental Origins of Health and Disease, 2011, Portland. Journal of Developmental Origins of Health and Disease. Cambridge: Cambridge University Press, 2011. v. 2. p. S43-S43.

  • Matijasevich, Alícia M ; Howe, L. D. ; Tilling, K. ; SANTOS, I. S. ; BARROS, A.J.D. ; LAWLOR, D. A. . Inequalities in height growth trajectories in childhood: 2004Pelotas birth cohort study. In: 7th World Congress on Developmental Origins of Health and Disease, 2011, Portland. Journal of Developmental Origins of Health and Disease. Cambridge: Cambridge University Press, 2011. v. 2. p. S101-S101.

  • MUNIZ, L. C. ; SCHNEIDER, B. C. ; SILVA, I. C. M. ; SANTOS, I. S. ; Matijasevich, Alicia . Combinação de fatores de risco comportamentais para doenças cardiovasculares em adultos: um estudo de base populacional. In: VIII Congresso Brasileiro de Epidemiologia - Epidemiologia e as Políticas Públicas de Saúde, 2011, São Paulo. Versão eletrônica dos Anais do VIII Congresso Brasileiro de Epidemiologia, 2011.

  • ALVES, L. G. ; MANITTO, A. M. ; PORTANTIOLO, T. N. ; MARCO, P. L. ; SANTOS, I. S. ; Barros, A.J. D . Diferenças socioeconômicas e raciais na prevalência de estatura baixa para idade aos 4 anos: dados da coorte de nascimentos de Pelotas de 2004. In: X Mostra da Produção Universitária - XX Congresso de Iniciação Científica, 2011, Rio Grande. Versão eletrônica dos anais do evento, 2011.

  • BUENO, M.M. ; MATIJASEVICH, A. . COBERTURA VACINAL CONTRA HEPATITE B NA POPULAÇÃO MENOR DE 20 ANOS NOS MUNICÍPIOS DA TERCEIRA COORDENADORIA REGIONAL DE SAÚDE, SES, RS NO ANO DE 2007. In: IX Congresso Brasieiro de Saúde Coletiva, 2009, Recife. Ciência e Saúde Coletiva (Impresso), 2009.

  • MATIJASEVICH, A. . INEQUALITIES IN MATERNAL POSTNATAL VISITS AMONG PUBLIC AND PRIVATE PATIENTS: 2004 PELOTAS COHORT STUDY. In: IX Congresso Brasieiro de Saúde Coletiva, 2009. Ciência e Saúde Coletiva (Impresso), 2009.

  • MATIJASEVICH, A. . Maternal smoking during pregnancy and offspring growth in childhood: 1993 and 2004 Pelotas cohort studies. In: 6th World Congress on Developmental Origins of Health and Disease, 2009, Santiago. Journal of Developmental Origins of Health and Disease (Print). Los Angeles: Cambridge University Press, 2009. v. 1. p. 51-52.

  • MATIJASEVICH, A. ; BARROS, F.C. ; Decker, A ; Taylor, D ; Kramer, MS . Maternal obesity and antepartum fetal death: a population-based study in Uruguay. In: 18th International Congress of Nutrition, 2005, Durban. Annals of Nutrition & Metabolism. London: S. Karger, Medical and Scientific Pulishers, 2005. v. 49. p. 330-330.

  • MATIJASEVICH, A. ; BARROS, F.C. ; SANTOS, I. . Fatores de risco de morte fetal na cidade de Montevideo, Uruguay.. In: VI Congresso Brasileiro de Epidemiologia, 2004, Recife. Fatores de risco de morte fetal na cidade de Montevideo, Uruguay, 2004.

  • MATIJASEVICH, A. ; BARROS, F.C. ; Díaz-Rossello, J.L. . Maternal risk factors associated with very low birthweight (<1500g, VLBW) and birthweight between 1500-2499g. In: Congreso de la Sociedad Latinoamericana de Investigaciones Pediátricas, 2001, Colonia. Sociedad Latinoamericana de Investigaciones Pediátricas (SLAIP), 2001.

  • FARÍAS-ANTÚNEZ, SIMONE ; SANTOS, INÁ SILVA ; Matijasevich, Alicia ; DE BARROS, ALUISIO JARDIM DORNELLAS . Maternal mood symptoms in pregnancy and postpartum depression: association with exclusive breastfeeding in a population-based birth cohort. SOCIAL PSYCHIATRY AND PSYCHIATRIC EPIDEMIOLOGY , 2020.

  • Mota, Denise M. ; Matijasevich, Alicia ; Santos, Iná S. ; PETRESCO, SANDRA ; MOTA, LAÍS MARQUES . Psychiatric disorders in children with enuresis at 6 and 11 years old in a birth cohort. Jornal de Pediatria , 2019.

  • ARAUJO, WALESKA REGINA MACHADO ; SANTOS, I. S. ; Menezes Filho, N. ; de Souza, MTCC ; da Cunha, AJL ; MATIJASEVICH, A . Coortes no Brasil com potencial para estudos do ciclo vital: uma revisão de escopo. REVISTA DE SAUDE PUBLICA , 2019.

  • CAYE, ARTHUR ; PETRESCO, SANDRA ; DE BARROS, ALUÍSIO JARDIM DORNELLAS ; BRESSAN, RODRIGO A. ; GADELHA, ARY ; GONÇALVES, HELEN ; MANFRO, ARTHUR GUS ; MATIJASEVICH, ALÍCIA ; Menezes, Ana Maria Baptista ; MIGUEL, EURIPIDES C. ; MUNHOZ, TIAGO NEUENFELD ; PAN, PEDRO M. ; SALUM, GIOVANNI A. ; Santos, Iná S. ; KIELING, CHRISTIAN ; ROHDE, LUIS AUGUSTO . Relative Age and Attention-Deficit/Hyperactivity Disorder: Data From Three Epidemiological Cohorts and a Meta-Analysis. JOURNAL OF THE AMERICAN ACADEMY OF CHILD AND ADOLESCENT PSYCHIATRY , 2019.

  • FAISAL-CURY, A. ; Levy, R.B. ; KONTOS, A. ; TABB, K. ; MATIJASEVICH, A. . Postpartum bonding at the beginning of the second year of child´s life: the role of postpartum depression and early bonding impairment. JOURNAL OF PSYCHOSOMATIC OBSTETRICS & GYNECOLOGY , 2019.

  • Matijasevich, Alicia ; PEARSON, REBECCA M. ; LORET DE MOLA, CHRISTIAN ; MARUYAMA, JESSICA MAYUMI ; LA MAISON, CAROLINA ; MUNHOZ, TIAGO N. ; Barros, Fernando C. ; Santos, Iná S. ; D BARROS, ALUÍSIO J. . Early child stimulation and attention-related executive functions at 11 years: 2004 Pelotas birth cohort study. EUROPEAN CHILD & ADOLESCENT PSYCHIATRY , 2019.

  • MATIJASEVICH, A . Desarrollo y salud mental en niños y adolescentes: contribución de los estudios de cohorte y de la Epidemiologia del Ciclo Vital. 2019. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • MATIJASEVICH, A. . The Pelotas cohort studies: progress of health indicators over the last three decades. 2019. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • MATIJASEVICH, A. . WS 11 - How can Health Insurance Schemes Help to Develop Sustainable Health Systems in the BRICS countries? - Brazil sucessess and challenges. 2019. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • MARUYAMA, J. M. ; MUNHOZ, T. N. ; SANTOS, I. S. ; BARROS, A ; BARROS, F.C. ; MATIJASEVICH, ALÍCIA . Impacto das Trajetórias de Depressão Materna sobre o Relacionamento com os pares dos filhos aos 6 e 11 anos : Coorte de Nascimentos de Pelotas de 2004. 2018. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • Matisajevich, Alicia ; Murray, J. ; MUNHOZ, T. N. ; SANTOS, I. S. ; BARROS, F.C. ; BARROS, A.J.D. . Interbirth spacing and mental health disorders in the offspring at 11 years: 2004 Pelotas birth cohort study. 2018. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • Asciutti, A. ; MARUYAMA, J. M. ; MUNHOZ, T. N. ; SANTOS, I. S. ; BARROS, F.C. ; BARROS, A.J.D. ; Matisajevich, Alicia . Associação entre depressão materna e transtornos depressivo e de ansiedade aos 6 e 11 anos: Coorte de Pelotas de 2004. 2018. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MATIJASEVICH, A. . Os efeitos sobre o desenvolvimento da primeira infância de um programa de visitação domiciliar para jovens grávidas vivendo em condições adversas. 2018. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • MATIJASEVICH, A. . Desenvolvimento e saúde mental com foco populacional. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • MATIJASEVICH, ALÍCIA . The Pelotas cohort studies: a 36 year journey of public health research in Brazil. 2018. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • MATIJASEVICH, A. . Estrategias para evaluar causalidad en estudios epidemiológicos observacionales. 2018. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • MATIJASEVICH, A. . Presenting Pelotas birth cohort studies. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • MATIJASEVICH, A . Cohortes de recién nascidos: cambio cualitativo de la información en desarrollo y crecimiento humano. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • Matijasevich, Alicia . Condições sociais no início da vida e desenvolvimento cognitivo. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • MATIJASEVICH, A. ; MUNHOZ, T. N. ; BARROS, A.J.D. ; BARROS, F.C. ; SANTOS, I. S. . Transtornos mentais e funções executivas aos 11 anos: Coorte de nascimentos de Pelotas de 2004. 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • MATIJASEVICH, ALÍCIA ; MUNHOZ, T. N. ; La Maison, C. ; Amaral MR ; BARROS, A.J.D. ; BARROS, F.C. ; SANTOS, I. S. . Continuidade dos transtornos mentais entre os 6 e 11 anos: coorte de Pelotas de 2004. 2017. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MUNHOZ, T. N. ; SANTOS, I. S. ; BARROS, A ; ANSELMI, L. ; BARROS, F.C. ; MATIJASEVICH, A. . Fatores de risco precoces para o transtorno disruptivo da desregulação do humor. 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • MUNHOZ, T. N. ; SANTOS, I. S. ; BARROS, A ; BARROS, F.C. ; MATIJASEVICH, A. . Tabagismo durante a gestação e transtornos de conduta na infância e adolescência. 2017. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • Callo, G. ; MUNHOZ, T. N. ; SANTOS, I. S. ; NUNES, B. P. ; MOLA, C. L. ; SILVA, I. C. M. ; MATIJASEVICH, A. . Tendencias de consumo abusivo de álcool nas capitais brasileiras: VIGITEL 2006-2013. 2017. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • La Maison, C. ; MUNHOZ, T. N. ; SANTOS, I. S. ; ANSELMI, L. ; BARROS, F.C. ; BARROS, A ; MATIJASEVICH, A. . Prevalência e comorbidade de transtornos psiquiátricos aos 11 anos: coorte de Pelotas de 2004. 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • MATIJASEVICH, A. ; MUNHOZ, T. N. ; BARROS, A ; SANTOS, I. S. ; Amaral MR . Transtorno disruptivo no início da adolescência: coorte de nascimentos de Pelotas de 2004. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • La Maison, C. ; MUNHOZ, T. N. ; SANTOS, I. S. ; BARROS, A ; MATIJASEVICH, A. . Prevalência de transtornos psiquiátricos no início da adolescência: coorte de nascimentos de Pelotas 2004. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MATIJASEVICH, A. ; MUNHOZ, T. N. ; SANTOS, I. S. ; BARROS, A . Maternal pre-pregnancy body mass index and mental disorders at 11 years of age: 2004 Pelotas birth cohort study. 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • MATIJASEVICH, A. ; Pearson R. ; MUNHOZ, T. N. ; SANTOS, I. S. ; BARROS, A . Early child stimulation and attention-related executive functions at 11 years: 2004 Pelotas birth cohort study. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MATIJASEVICH, A. . Desenvolvimento, saúde mental e cognição em crianças e adolescentes: coorte de nascimentos de Pelotas de 2004. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • PASSOS, D. R. ; GIGANTE, D.P. ; MATIJASEVICH, A. . Comportamento alimentar infantil: um enfoque para o excesso de peso'. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • TOMASI, E. ; Mendes MA ; MUNHOZ, T. N. ; Volz PM ; Sassi BT ; MATIJASEVICH, A . Perfil da dependência de bebida de álcool entre homens e mulheres: um estudo de base populacional realizado no sul do Brasil. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • MATIJASEVICH, A . Monitoring outcomes at the Facility and Population level. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • MATIJASEVICH, A . Transición nutricional y conducta obstétrica en Brasil: estudios de cohorte de Pelotas. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • Amaral MR ; SANTOS, I. S. ; BARROS, A ; MATIJASEVICH, A . Transtornos de conduta no início da adolescência em uma coorte de nascimentos. 2015. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • Amaral MR ; MUNHOZ, T. N. ; SANTOS, I. S. ; BARROS, A.J.D. ; MATIJASEVICH, A . Transtornos de conduta no início da adolescência em uma coorte de nascimentos. 2015. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MUNHOZ, T. N. ; SANTOS, I. S. ; MATIJASEVICH, A. . Depressão em adolescentes: estudo transversal de base populacional. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • TOMASI, E. ; Mendes MA ; MUNHOZ, T. N. ; Volz PM ; Sassi BT ; MATIJASEVICH, A. . Perfil da dependência de bebida de álcool entre homens e mulheres: um estudo de base populacional realizado no sul do Brasil. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • MATIJASEVICH, A. ; MOLA, C. L. ; GIGANTE, D.P. ; BARROS, F.C. ; Victora CG ; HORTA, B. L. . Crescimento intrauterino e nos primeiros anos de vida e transtornos mentais comuns na vida adulta. Estudo de coorte de Nascimentos de 1982, Pelotas, RS. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • MATIJASEVICH, A. ; GONCALVES, H. ; WEHRMEISTER, F. C. ; HALLAL, P. ; ASSUNCAO, M. C. F. ; BARROS, F.C. ; MENEZES, A. M. B. . Determinantes precoces das trajetórias de consumo de tabaco e álcool entre os 11 e 18 anos de vida. Estudo de Coorte de Nascimentos de 1993, Pelotas, RS. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • MUNHOZ, T. N. ; CHIUCHETTA, F. S. ; SANTOS, I. S. ; BARROS, A ; MATIJASEVICH, A. . Suporte ventilatório ao nascer e associação com doenças respiratórias aos seis anos: Coorte de Nascimentos de Pelotas de 2004, RS. 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MUNHOZ, T. N. ; JACOTTET, R. ; SANTOS, I. S. ; BARROS, A ; CHIUCHETTA, F. S. ; Aline Coletto ; MATIJASEVICH, A. . Avaliação da adesão dos profissionais de saúde às recomendações do Comitê Municipal de Mortalidade Infantil e Materna (COMAI) para diminuir a mortalidade infantil na cidade de Pelotas, RS, Brasil. 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MUNHOZ, T. N. ; NUNES, B. P. ; SOARES, A. L. G. ; MIELKE, G. ; SANTOS, I. S. ; MATIJASEVICH, A. . Depressão autorreferida em adultos: uma análise da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios, 2003 - 2008. 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MATIJASEVICH, A. ; Silveira, Mariângela F ; MATOS, A. C. G. ; RABELLO NETO, D. ; FERNANDES, R. M. ; MARANHAO, A. G. ; CORTEZ-ESCALANTE, J. J. ; BARROS, F.C. ; Victora CG . Estimativas corrigidas da prevalência de nascimentos pré-termo no Brasil, 2000 a 2011. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • MATIJASEVICH, A. ; MURRAY, E. ; STEIN, A. ; ANSELMI, L. ; MENEZES, A. M. B. ; SANTOS, I. S. ; BARROS, A ; GIGANTE, D.P. ; BARROS, F.C. ; Victora CG . Trends in behavioural disorders in children in Brazil from 1993 to 2004: a cohort study. 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MATIJASEVICH, A. . Depressão materna e saúde mental dos filhos. 2014. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • MATIJASEVICH, A. . Strategies to assess causality in observational studies. 2014. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • El Halal, C ; Nunes, ML ; MATIJASEVICH, ALÍCIA . Sleep deprivation and overweight/obesity among Brazilian children: study from a birth cohort. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • El Halal, C ; Nunes, ML ; MATIJASEVICH, ALÍCIA . Sleep characteristics among children at 1, 2, and 4 years of age, participants in a birth cohort. 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • RESTREPO, M. C. ; LAWLOR, D. A. ; HORTA, B. L. ; MATIJASEVICH, ALÍCIA ; SANTOS, I. S. ; MENEZES, A. M. B. ; BARROS, F.C. ; Victora CG . The association of maternal age with birth weight and gestational age: a cross-cohort comparison. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • GIGANTE, D.P. ; MATIJASEVICH, ALÍCIA ; HORTA, B. L. ; BARROS, A ; SANTOS, I. S. ; BARROS, F.C. ; Victora CG . Gestational age and newborn size according to parental social mobility: an intergenerational cohort study. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • SILVEIRA, M. ; SANTOS, I. S. ; MATIJASEVICH, ALÍCIA ; Silveira, VMF ; BARROS, F.C. ; Victora CG . Secular trends in smoking during pregnancy according to socioeconomic position in Brazil. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • Oliveira, LC ; TORRIANI, D. D. ; Correa, MB ; PERES, K. G. A. ; PERES, M. A. ; BARROS, A ; MATIJASEVICH, ALÍCIA ; de MARCO, F. ; Tarquinio, SB . Prevalence of oral mucosal lesions and their impact on oral health quality of life in the 2004 Pelotas birth cohort at the age 5. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • MATIJASEVICH, A . Increase in child behaviour problems among Brazilian preschoolers: A comparison of the 1993 and 2004 Pelotas birth cohorts. 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • MATIJASEVICH, A . Desenvolvimento e saúde mental na Coorte de Nascimentos de Pelotas. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • MUNHOZ, T. N. ; SANTOS, I. S. ; MATIJASEVICH, A. . Depressão em adolescentes: estudo transversal de base populacional. 2013. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MATIJASEVICH, A. . Desenvolvimento e saúde mental na Coorte de Nascimentos de Pelotas de 2004. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • MATIJASEVICH, A. . Psychosocial determinants of behaviour problems among pre-school children from Brazil: data from the 2004 Pelotas cohort study. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • MATIJASEVICH, A . Maternal education inequalities in height growth trajectories in childhood:2004 Pelotas birth cohort study. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • Matijasevich, Alícia M. . Metodologia do estudo de Coorte de nascimentos de 2004, Pelotas, RS. 2011. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • MATIJASEVICH, A. . Desigualdades na saúde materno infantil no Brasil. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • MATIJASEVICH, A. . Indicadores de Pré-Natal ? comparação entre a rede pública e privada. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • MOTA, D. M. ; Barros, A.J. D ; SANTOS, I. ; MATIJASEVICH, A. . Hábitos intestinais na infância. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • MATIJASEVICH, A. . Equity in maternal, newborn and child health in Brazil: Progress toward Millennium Development Goals 4 and 5. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • MATIJASEVICH, A. . Auditoria das mortes infantis e as ações pra redução da mortalidade infantil no município de Pelotas, RS. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • MATIJASEVICH, A. . Disparidades entre grupos étnicos na mortalidade fetal ao longo de duas dácadas: Comparação de três coortes de nascimentos no sul do Brasil. 2009. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MATIJASEVICH, A. . Maternal Smoking during Pregnancy and Offspring Growth in Childhood: 1993 and 2004 Pelotas cohort studies. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • MATIJASEVICH, A. . Biomarkers in the context of Children's Environmental Health and Longitudinal Cohort Studies in Children. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • MATIJASEVICH, A. . Estudos de coorte: experiência no departamento de Epidemiologia, Universidade Federal de Pelotas. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • MATIJASEVICH, A. . Methods and Techniques in Epidemiological Research (Coordenação de Mesa Redonda). 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • MATIJASEVICH, A. . The Nutricional Transition: undernutrition and obesity in the international context (Coordenação de Mesa Redonda). 2008. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MATIJASEVICH, A . Socioeconomic variation in body mass index among adolescents: data from birth cohort studies in Brazil and the UK (1967). 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • MATIJASEVICH, A. . Association of socioeconomic position with maternal and infant health outcomes in birth cohort studies from Brazil and the UK (1964). 2008. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • SILVEIRA, M. ; SANTOS, I. S. ; BARROS, A.J.D. ; MATIJASEVICH, A. ; BARROS, F.C. ; VICTORA, C . Increase of preterm births in Brazil: a review of population-based studies. 2008. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • SILVEIRA, M. ; BARROS, A.J.D. ; SANTOS, I. S. ; MATIJASEVICH, A. ; VICTORA, C . Socioeconomic differentials in performing urinalysis during antenatal care of mothers from the Pelotas birth cohort, 2004. 2008. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • MATIJASEVICH, A. . Pelotas, RS: Desafios na luta pela sobrevivência infantil. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • MATIJASEVICH, A. . Ações para reduzir a mortalidade infantil na cidade de Pelotas, RS. 2008. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • MATIJASEVICH, A. . Auditoria das mortes infantis no contexto das ações para redução da mortalidade infantil no município de Pelotas, RS. 2008. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • Karam, S. de M. ; MOURA, D. ; Zauk, A.D. ; SANTOS, I. S. ; MATIJASEVICH, A. ; Oliveira, S. ; BARROS, A.J.D. ; Burin, M. ; Maluf, S. ; Pereira, M.L. ; Guiugliani, R. . Pelotas Birth Cohort Study: screening of children with suspicion of developmental delay. 2007. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MATIJASEVICH, A. ; VICTORA, C ; Barros, A.J. D ; MENEZES, A. M. B. ; ARAUJO, C. L. ; SANTOS, I. ; Barros, F.C. . Desigualdades raciais na mortalidade infantil: comparação de três coortes de nascimentos da cidade de Pelotas, Brasil. 2006. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • Silva, VLS ; MATIJASEVICH, A. ; SANTOS, I. S. ; SARAIVA, J. R. ; AZEVEDO, A. L. ; RIBEIRO, E. ; WINKE, S. ; VICTORA, C.G. . Auditoria das Mortes Infantis no Contexto das Ações para Redução da Mortalidade Infantil no Município de Pelotas/ RS. 2006. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MATIJASEVICH, A. ; Silva, VLS ; SANTOS, I.S. ; SARAIVA, J. R. ; AZEVEDO, A. L. ; RIBEIRO, E. ; WINKE, S. ; VICTORA, C.G. . Ações para Redução da Mortalidade Infantil na Cidade de Pelotas/ RS. 2006. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MATIJASEVICH, A. ; BARROS, F.C. ; SANTOS, I.S. . Fatores de Riesgo de Muerte Fetal en la Ciudad de Montevideo, Uruguay. 2004. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • Porto, J. A. ; Abuchaim, B ; Costa, JS ; Chiesa, A. M. ; da Cunha, AJL ; FLEITLICH-BILYK, B. ; MATIJASEVICH, A. ; Kirschbaum, Ch ; dos Santos, DD ; dos Santos, DN ; de Mello, DF ; Louzada, FM ; Polanczyk, G. V. ; de Macedo, L. ; Castro, M ; Linhares, MBM ; Campos, MMM ; de Souza, MTCC ; Menezes Filho, N. ; de Barros, RP ; Lerner, R. ; Ponczek, V . Funções executivas e desenvolvimento infantil: habilidades necessárias para a autonomia. São Paulo: Fundação Maria Cecilia Souto Vidigal, 2016 (Estudo).

  • Porto, J. A. ; Abuchaim, B ; Costa, JS ; Chiesa, A. M. ; da Cunha, AJL ; FLEITLICH-BILYK, B. ; MATIJASEVICH, A. ; Kirschbaum, Ch ; dos Santos, DD ; dos Santos, DN ; de Mello, DF ; Louzada, FM ; Polanczyk, G. V. ; de Macedo, L. ; Castro, M ; Linhares, MBM ; Campos, MMM ; de Souza, MTCC ; Menezes Filho, N. ; de Barros, RP ; Lerner, R. ; Ponczek, V . Importância dos vínculos familiares na primeira infância. São Paulo: Fundação Maria Cecília Souto Vidigal, 2016 (Estudo).

  • Brentani, AVM ; MATIJASEVICH, A. ; dos Santos, DD ; dos Santos, DN ; Louzada, FM ; Cunha, F ; Brentani, H. P. ; Porto, J. A. ; de Macedo, L. ; Campos, MMM ; de Souza, MTCC ; Kuper MCM ; SOARES, R. R. ; Lerner, R. . O impacto do desenvolvimento na primeira infância sobre a aprendizagem. São Paulo: Fundação Maria Cecilia Souto Vidigal, 2014 (Estudo).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

Silva, VLS ; MATIJASEVICH, A. ; SANTOS, I. S. ; BARROS, F.C. ; CEIA, M. ; VICTORA, C.G. . Informe Técnico da Mortalidade Infantil no período 2005 - 2009, Pelotas, RS. 2011.

MATIJASEVICH, A . Os primeiros 1000 dias do resto das nossas vidas. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

MATIJASEVICH, ALÍCIA . O lobby em prol dos bebês. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

MATIJASEVICH, ALÍCIA . Primeira infância - Mãe recém-nascida - Como ajudar as mulheres, e seus bebês, no delicado início de suas vidas em comum. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

Faisal-Cury, A ; MATIJASEVICH, ALÍCIA . Trajetórias de depressão materna e psicopatologia nos filhos aos 6 anos - Coorte de Pelotas de 2004. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

MATIJASEVICH, A. . Estudo gaúcho mapeia atraso no desenvolvimento infantil. 2014. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

Yadón, Z ; MATIJASEVICH, A ; SILVEIRA, M. ; Aslanyan, G . Taller de Métodos de Investigación Epidemiológica. 2014. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

SANTOS, I S ; MATIJASEVICH, ALÍCIA . Epidemiologia Clínica. 2014. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

MATIJASEVICH, A . Introdução ao STATA. 2013. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

Matijasevich, Alicia . ?Coorte de Nascimentos de Pelotas ? 2004: Desigualdades socioeconômicas e raciais nas trajetórias de crescimento e comparação com as Coortes de Pelotas de 1982 e 1993?. 2011. (Relatório de pesquisa).

Matijasevich, A. M. . Workshop Maternal Environmental Assessment form. 2011. (Reunião Técnica).

Matijasevich, Alicia . Estatística Básica. 2010. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

MATIJASEVICH, A. . Estatística Básica. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

MATIJASEVICH, A. . Estatística Básica. 2008. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

MATIJASEVICH, A. . Estatística Básica para estudantes do Mestrado Profissionalizante. 2008. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

MATIJASEVICH, A. . Mortalidade Perinatal em Pelotas. 2006. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

MATIJASEVICH, A. . Estatística Básica. 2006. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

MATIJASEVICH, A. . Coorte de Nascimentos 2004, Pelotas. 2006. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

MATIJASEVICH, A. . Mortalidade Neonatal em Pelotas. 2006. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

MATIJASEVICH, A. . Estatística Básica. 2005. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

MATIJASEVICH, A. . Estatística "Stata 9.0". 2005. .

MATIJASEVICH, A. . Mortalidade Infantil em Pelotas. 2005. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

MATIJASEVICH, A. . Taller sobre Análisis de Datos e Escritura de Artículos Científicos. 2002. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2018 - Atual

    Intervenções na primeira infância e trajetórias de desenvolvimento cognitivo, social e emocional, Descrição: O objetivo principal deste Projeto Temático é aprofundar os conhecimentos sobre intervenções na primeira infância e os seus efeitos sobre as trajetórias de desenvolvimento cognitivo, social e emocional infantil até a idade escolar. Especial ênfase é dada ao surgimento de transtornos mentais como desfecho fenotípico primário. Para tanto, iremos testar três programas de intervenção em primeira infância com diferentes características: um currículo pré-escolar para promoção de habilidades socioemocionais e prevenção de problemas de comportamento, um programa de visitação domiciliar para gestantes adolescentes em alta vulnerabilidade e seus filhos durante os primeiros dois anos de vida com objetivo de desenvolver habilidades parentais, e duas modalidades terapêuticas para a intervenção precoce do transtorno de déficit de atenção/hiperatividade. Iremos investigar os efeitos destes programas sobre o substrato biológico subjacente às trajetórias desenvolvimentais, especificamente sobre os padrões eletroneurofisiológicos, de estrutura e atividade cerebral. Assim, iremos gerar dados inéditos sobre como programas de intervenção na primeira infância impactam o desenvolvimento cognitivo, social e emocional e quais são os seus efeitos sobre a prevenção de transtornos mentais ao longo da infância. Por meio destes objetivos, iremos consolidar uma plataforma para realização de ensaios controlados randomizados em saúde mental infantil em nosso meio e estabelecer um laboratório de neurociência desenvolvimental para a caracterização das trajetórias do desenvolvimento cerebral e dos efeitos de intervenções na primeira infância.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (4) / Doutorado: (4) . , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Integrante / Alexandre Archanjo Ferraro - Integrante / Euripedes Constantino Miguel Filho - Integrante / Anna Maria Chiesa - Integrante / Helena Brentani - Integrante / POLANCZYK, GUILHERME V. - Coordenador / ROHDE, LUIS AUGUSTO - Integrante / Lisliane Fracolli - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2017 - Atual

    Depressão materna e competências socioemocionais no início da adolescência: Coorte de Nascimentos de Pelotas do ano de 2004, Brasil, Descrição: Pesquisas conduzidas nas últimas décadas revelam que as competências socioemocionais são tão importantes quanto às habilidades cognitivas para a obtenção de bons resultados em diversas esferas do bem-estar individual e coletivo. Integram as competências socioemocionais, entre outras, a autonomia, sociabilidade, responsabilização, esforço, disciplina, abertura a novas experiências, extroversão, amabilidade, estabilidade emocional, autoestima/autoconceito e motivação, atributos importantes para o relacionamento saudável entre as pessoas e para a execução adequada de projetos de vida. O desenvolvimento das competências socioemocionais é um processo dinâmico e continuo que ocorre ao longo da vida do indivíduo. Dentre os fatores que podem afetar o desenvolvimento dessas competências destaca-se a saúde mental dos pais. A depressão materna exerce uma potente influência ambiental na vida familiar e afeta negativamente as relações familiares. Estudos de países de renda alta relataram que filhos de mães deprimidas apresentaram com maior frequência pobre controle emocional, menor autoconceito, maiores problemas para manter interações sociais amigáveis com colegas e grande dificuldade para modular impulsos hostis, resultando numa maior frequência de episódios de agressão aos colegas e às pessoas adultas. O projeto tem como objetivo geral investigar a associação entre depressão materna ao longo da vida do adolescente e competências socioemocionais (autoestima, controle emocional e lócus de controle) avaliadas aos 12 anos. Será estudada uma amostra de aproximadamente 1300 adolescentes pertencentes a uma coorte brasileira de base populacional e que vêm sendo acompanhados, sempre com altas taxas de resposta, em intervalos regulares desde o nascimento (Coorte de Nascimentos de Pelotas de 2004). Os resultados do presente projeto permitirão delinear recomendações e descobrir janelas de oportunidades onde desenvolver estratégias preventivas e de intervenção para atuar sobre a depressão materna, diminuir suas consequências nos filhos e promover o desenvolvimento das competências socioemocionais, o que contribuirá a melhorar a qualidade de vida e o futuro dos adolescentes brasileiros.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Coordenador / Aluísio J D Barros - Integrante / Iná S Santos - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2016 - Atual

    Estudo MINA - Materno Infantil no Acre: Coorte de nascimentos da Amazônia Ocidental Brasileira, Descrição: Projeto de Pesquisa Temático - FAPESP (processo 2016/00270-6) Pesquisadora responsável: Marly Augusto Cardoso. Participação como Pesquisador Principal. Resumo: O presente projeto temático integra um programa de pesquisas epidemiológicas sobre condições de saúde e nutrição materno-infantil em Cruzeiro do Sul, Acre, Amazônia Ocidental Brasileira. Trata-se do primeiro estudo de coorte de nascimentos Materno-INfantil no Acre (MINA), em município de área endêmica para malária. A hipótese central de investigação é que exposições em esferas socioeconômicas, intergeracionais, nutricionais e de morbidades materno-infantis se relacionam ao perfil de saúde observado durante a infância. Especula-se que tais associações englobem um panorama de carga dupla de doença que pode afetar o desenvolvimento desde estágios iniciais da vida. O objetivo geral visa identificar determinantes precoces para promoção de crescimento e desenvolvimento adequados com prevenção de morbidades e deficiências nutricionais sem produzir ganho de peso excessivo e adiposidade na primeira infância. As linhas de investigação principais são: a) Anemia, estado nutricional e deficiência de micronutrientes; b) Malária e outras infecções; c) Estilo de vida materno (consumo alimentar, atividade física, tabagismo, consumo de álcool e drogas ilícitas); d) Ganho de peso, fatores genéticos e distúrbios metabólicos materno-infantis; e) Saúde mental materna e desenvolvimento infantil; e f) Microbiota intestinal e consumo alimentar infantil. O delineamento do estudo será do tipo coorte de nascimentos de base populacional. Serão coletados dados obstétricos, da assistência ao pré-natal e de morbidades, características socioeconômicas, consumo alimentar e indicadores bioquímicos maternos e de seus bebês durante todo seguimento. Os resultados desta pesquisa contribuirão para o avanço do conhecimento sobre mecanismos e impacto de fatores biológicos e psicossociais dos determinantes de saúde e nutrição materno-infantil, colaborando também para o planejamento de ações de intervenção visando à redução do risco associado a morbidades e distúrbios nutricionais e suas consequências na saúde materno-infantil.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (10) / Mestrado acadêmico: (4) / Doutorado: (4) . , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Integrante / Marly Augusto Cardoso - Coordenador / Suely Godoy Agostino Gimeno - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.Número de orientações: 1

  • 2016 - Atual

    Mortalidade no primeiro dia de vida no Brasil: causas e prevenção, Descrição: Introdução: analisar a mortalidade no primeiro dia de vida representa um passo importante para o diagnóstico da saúde infantil, bem como para definição das políticas públicas no país. A maioria das mortes de recém-nascidos poderia ser evitada desde que as mães tenham acesso a intervenções de baixo custo que salvam vidas. Objetivo: fazer um diagnóstico da mortalidade no primeiro dia de vida no Brasil no período 2010-2015. Métodos: estudo transversal descritivo utilizando dados secundários provenientes do Sistema de Informação sobre Mortalidade (SIM). Serão calculadas as taxas de mortalidade no primeiro dia de vida para o Brasil e macrorregiões; descritos os óbitos infantis no primeiro dia de vida conforme características dos recém-nascidos e do parto (sexo, peso ao nascimento, tipo de parto, raça/cor, idade gestacional) e segundo algumas características maternas (idade, escolaridade, número de filho vivos e número de filhos mortos). Serão analisadas as causas básicas de óbito para recém-nascidos que morreram com menos de uma hora de vida, para aqueles que morreram entre 1 hora e menos de 24 horas de vida e para os recém-nascidos que morreram no primeiro dia de vida. O documento base para a obtenção dos dados sobre causa básica de óbito foi a Declaração de Óbito (DO), padronizado em todo o território nacional, e fornecida pelo Ministério da Saúde. Tomando como base a lista de causas de mortes evitáveis por intervenções do Sistema único de Saúde do Brasil, proposta por Malta e cols. será possível avaliar a evitabilidade das causas de morte no primeiro dia de vida.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Coordenador / João Alexandre Mendes Teixeira - Integrante / Leandro Fórnias Machado de Rezende - Integrante., Número de orientações: 1

  • 2016 - Atual

    Microbiome patterns associated with specific growth trajectories in school age children: interactive effects of diet and social determinants of health, Descrição: Both under- and overnutrition are highly prevalent worldwide and strongly influence childhood growth. Gut-microorganisms metabolically interact with their host by extracting energy and providing or not additional nutrients. Microbiome composition in early life may influence later pathologies such as atopy and obesity. We aim to assess whether microbiome is associated with specific growth trajectories across childhood and puberty in children from different socioeconomic settings (i.e. Canada and Brazil). We will capitalize on two ongoing successful cohorts that have been collecting longitudinal anthropometrics with socio-economic and dietary data. This study will use both mixed modeling and unsupervised machine learning approaches to identify biologically relevant clusters of children and select the clinically relevant features that underlie the different clusters. We expect the microbiome diversity and community structure to differ between countries, growth trajectories, dietary patterns as well as with sex, ethnicity and socio-economic background. We also aim to define beneficial dietary patterns, that could help a child maintain healthy gut microbial communities and to evaluate whether diet can be modified for positive outcomes.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Doutorado: (2) . , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Integrante / Iná S Santos - Integrante / Aluísio Barros - Integrante / Diego G. Bassani - Integrante / Elena Comelli - Coordenador / Robert Bandsma - Integrante / Catherine Birken - Integrante / Maria Carolina Borges - Integrante / Celine Bourdon - Integrante / Anna Goldenberg - Integrante / Jill Hamilton - Integrante / Anthony Hanley - Integrante / Mary L Abbé - Integrante / Jonathon Maguire - Integrante / Daniel Roth - Integrante., Financiador(es): University of Toronto - Cooperação.

  • 2015 - Atual

    Infant sleep hygiene counseling: a randomized controlled trial, Descrição: The development of adequate sleep patterns is paramount to the optimal neurodevelopment, as well as to promote proper learning, develop memory and preserve cerebral plasticity. Factors that hinder sleep patterns can negatively influence the child?s growth, neurological and motor development. This study will evaluate the efficacy of an intervention to improve quality and duration of self-regulated nighttime sleep (the amount of time the child maintains a combination of uninterrupted sleep, quiet wakefulness, and re-initiation of sleep without parental intervention). We will conduct a randomized controlled trial within the 2015 Pelotas Birth Cohort. At the 3-month follow-up, children who sleep less than 13 hours per 24 hours (nighttime sleep and daytime naps) will be eligible for the study. The sample size was estimated at 276 children per arm. Nighttime self-regulated sleep duration will be evaluated at baseline (age 3 months) and at 6, 12 and 24 months using actigraphy and via a sleep diary completed by the mother. Following block randomization, mothers from the intervention group will be visited by a trained fieldworker who will deliver counseling on age-appropriate normal sleep behaviors, how to facilitate sleep onset and how to manage night awakenings.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Integrante / Elaine Albernaz - Integrante / Pedro Curi Hallal - Integrante / Mariângela F Silveira - Integrante / Luciana Anselmi - Integrante / Iná S. Santos - Coordenador / Camila dos Santos El Halal - Integrante / Diego G. Bassani - Integrante / Michele Fernandez - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Cooperação., Número de produções C, T & A: 1

  • 2015 - Atual

    Prevalência, continuidade e fatores de risco dos transtornos psiquiátricos na adolescência, Descrição: Os transtornos mentais frequentemente tem início na infância e adolescência, podendo persistir até a idade adulta. O objetivo da pesquisa será estudar a prevalência, continuidade e fatores de risco dos transtornos mentais no início da adolescência (11 anos) na Coorte de Nascimentos do município de Pelotas-RS de 2004. Métodos: Estudo 1: Será estimada a prevalência de transtornos mentais e avaliada a ocorrência de comorbidades psiquiátricas em adolescentes na coorte de Pelotas-RS, 2004. Para tanto, será utilizado os dados proveniente do sexto acompanhamento da coorte. Os transtornos psiquiátricos serão avaliados usando o instrumento Development and Well-Being Assessment (DAWBA). Estudo 2: Será avaliado a continuidade dos transtornos mentais entre os 6 e 11 anos, agrupados em em quatro grandes grupos de diagnóstico: transtornos de ansiedade, transtornos depressivos, TDHA, transtorno desafiador opositivo/conduta. Serão investigados fatores preditores da continuidade dos transtornos psiquiátricos no período do estudo. Estudo 3: Será realizado uma revisão sistemática da literatura sobre os principais fatores de risco precoces dos transtornos mentais na adolescência. A revisão será realizada em todas as bases de dados disponíveis com descritores pré definidos. Cada artigo incluído na revisão, será avaliado quanto à adequação metodológica empregada na seleção da amostra, coleta e análise dos dados, de acordo com o recomendado na literatura.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Coordenador / Aluísio J D Barros - Integrante / Tiago N. Munhoz - Integrante / Iná S. Santos - Integrante / Carolina La Maison - Integrante., Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 2

  • 2015 - Atual

    O efeito do Programa de Visitação para Jovens Gestantes sobre o desenvolvimento infantil: um estudo piloto, Descrição: Introdução. Programas de visitas domiciliares para gestantes com foco no aprimoramento das relações mãe-bebê têm recebido grande atenção nos últimos 30 anos em todo o mundo. Estes programas são considerados uma estratégia importante para melhorar a saúde da mãe no pré-natal, as condições de nascimento da criança e as ferramentas que os pais possuem para cuidar e estimular seu bebê adequadamentea, desta forma promovendo a saúde e o desenvolvimento inicial da criança que influenciará de forma importante o seu desenvolvimento físico, emocional e cognitivo futuro. Objetivos. O ?Programa de Visitação para Jovens Gestantes? tem como objetivo promover o desenvolvimento saudável intra-uterino e do bebê nos primeiros meses de vida em uma população de alto risco. Métodos. Sessenta gestantes jovens com idade entre 14 e 20 anos, serão aleatoriamente alocadas para o grupo de visitação ou para acompanhamento pré-natal e de puericultura habitual. O Programa de visitação foi desenvolvido a partir das teorias da auto-eficácia (baseada na teoria de Albert Bandura); bioecológica de Urie Brofenbrenner, que reconhece a importância da inserção dos indivíduos e das famílias nos diversos contextos da vida em sociedade; do apego (baseada nas teorias de John Bowlby e Mary Ainsworth), com os princípios de que os enfermeiros irão abordar aspectos relacionados ao cuidado da saúde, saúde ambiental, desenvolvimento do curso de vida e da parentalidade, vínculo mãe-bebê e desenvolvimento social e cognitivo da criança. As visitas ocorrerão a partir da identificação da gestação até até o 6o mês de vida da criança. Avaliações de características emocionais, cognitivas, comportamentais das gestantes e da criança, medidas hormonais e genéticas da mãe, pai, placenta e sangue do cordão umbilical e avaliação eletroencefalográfica das crianças serão realizadas. Perspectivas. Como uma proposta de intervenção que testa pela primeira vez no Brasil uma estratégia de prevenção comprovadamente eficaz em outros contextos, ele pode pavimentar o caminho para a implementação do programa em larga escala no Brasil. Ao mesmo tempo, o projeto tem como objetivo a descoberta de processos subjacentes aos estímulos ambientais e sociais positivos promovidos pela intervenção, esclarecendo assim os mecanismos envolvidos no neurodesenvolvimento saudável.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (2) Doutorado: (2) . , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Integrante / Bacy Fleitlich-Bilyk - Integrante / Alexandre Archanjo Ferraro - Integrante / Euripedes Constantino Miguel Filho - Coordenador / Anna Maria Chiesa - Integrante / Guilherme Vanoni Polanczyk - Integrante / Helena Brentani - Integrante / Kette Dualibi Valente - Integrante / Lislaine Fracolli - Integrante / Naércio Menezes Filho - Integrante.

  • 2014 - Atual

    Transtornos mentais, consumo de substâncias e funções executivas no início da adolescência em uma coorte de nascimentos, Descrição: Os transtornos mentais e o consumo de substâncias estão entre as principais causas de anos perdidos por incapacidade. Esses problemas frequentemente iniciam na adolescência, persistem durante todo o ciclo vital, estão associados a uma ampla gama de desfechos adversos na vida adulta e podem até colocar em risco o bem-estar das gerações futuras. Determinantes ambientais, genéticos, biológicos e comportamentais têm sido investigados com a finalidade de entender a etiologia e a história natural dos transtornos mentais e do consumo de substâncias em grupos populacionais de países de renda alta, mas poucas pesquisas foram realizadas em países de renda média e baixa. O projeto aqui descrito tem como objetivos principais: (1) determinar a frequência e os fatores de risco dos transtornos mentais e do consumo de tabaco e álcool no início da adolescência (11 anos de idade); (2) avaliar o comprometimento das funções executivas nos indivíduos com transtornos mentais e em aqueles que referem consumo de tabaco e álcool e (3) elucidar o papel mediador das funções executivas nas associações entre os determinantes precoces e os transtornos mencionados. Serão avaliados aproximadamente 3600 adolescentes que pertencem a uma coorte brasileira de base populacional e que vêm sendo acompanhados, sempre com altas taxas de resposta, em intervalos regulares desde o nascimento. Os resultados do presente projeto contribuirão para delinear recomendações e desenvolver estratégias preventivas para reduzir os problemas de saúde mental na adolescência e suas consequências médicas e sociais na vida adulta.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Coordenador / Barros, A. J. - Integrante / SANTOS, I S - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 9 / Número de orientações: 2

  • 2013 - 2016

    Avaliação da adesão dos profissionais de saúde e das gestantes às recomendações do Comitê Municipal de Mortalidade Infantil e Materna (COMAI) para diminuir a mortalidade infantil na cidade de Pelotas, RS, Brasil, Descrição: O Coeficiente de Mortalidade Infantil (CMI) é um importante indicador de saúde, utilizado universalmente para medir o nível de saúde de uma população e, indiretamente, seu desenvolvimento e qualidade de vida. No Brasil em 1980 o CMI era de 82,8 por mil nascidos vivos e foi reduzido em 2010 para 15,6 por mil nascidos vivos. A queda deste indicador ainda continua a ser um grande desafio, pois existem grandes desigualdades entre as regiões. Segundo dados da Secretaria Estadual de Saúde do Rio Grande do Sul, a mortalidade infantil no estado apresentou uma importante queda de 48,4 óbitos por mil nascidos vivos em 1970, para 11,2 em 2010, porém esse coeficiente não apresentou uma redução uniforme nos diferentes municípios, assim como aconteceu no restante do país. Os piores CMI são os da região sul do estado, da qual Pelotas faz parte com 13,6 óbitos por mil e a fronteira noroeste, com 16,9 óbitos por mil. Os gestores, preocupados com os altos índices da cidade de Pelotas, comparados com outras regiões do estado, implantaram no final do ano de 2004 o Comitê Municipal de Investigação de Óbitos Infantis, Fetais e de Morte Materna (COMAI), firmando parcerias com diversos segmentos da saúde do município e do estado para tentar reduzir a mortalidade infantil na cidade de Pelotas. O COMAI é composto por gestores da Secretaria Municipal e Estadual de Saúde, pesquisadores do Centro de Pesquisas Epidemiológicas da Universidade Federal de Pelotas e profissionais do Hospital Escola da Universidade Federal de Pelotas (UFPel) e do Hospital Universitário São Francisco de Paula da Universidade Católica de Pelotas (UCPel). Os membros deste comitê realizam encontros mensais para avaliar os óbitos infantis, com o objetivo de implantar estratégias e práticas de assistência, para qualificar o atendimento pré-natal e atendimento ao recém-nascido na cidade de Pelotas. O presente estudo tem como objetivo geral, avaliar a adesão dos profissionais de saúde e das gestantes às seguintes recomendações do Comitê Municipal de Investigação de Óbitos Infantis, Fetais e de Morte Materna (COMAI) realizadas no ano de 2005 para diminuir a mortalidade infantil na cidade de Pelotas ?RS : o uso de corticoide pré-natal e do surfactante, combate ao fumo na gestação e a promoção de um atendimento adequado ao recém-nascido na sala de parto, especialmente a prevenção da hipotermia e o atendimento de recém nascido por pediatra na sala de parto. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: / Mestrado profissional: (1) . , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Coordenador / Flávio S. Chiuchetta - Integrante / Renata Jacottet - Integrante., Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 1

  • 2013 - 2015

    Suporte ventilatório ao nascer e associação com doenças respiratórias aos seis anos: coorte de nascimentos 2004, Pelotas, RS, Descrição: A unidade de terapia intensiva neonatal (UTIN) surgiu aproximadamente há quatro décadas com a finalidade de assistência ao recém-nascido (RN) prematuro ou doente. Com a evolução das pesquisas iniciou o uso de medicamentos como o corticoide no pré-natal e o surfactante no período neonatal, ocasionando a diminuição da taxa de mortalidade destes RN. E com o avanço tecnológico, houve o desenvolvimento de melhores aparelhos de ventilação mecânica e sua monitorização junto a estes recém-nascidos, levando ao aumento da sobrevida. Foi no fim da década de 1980 que começaram a surgir os primeiros estudos com esta população de RN, que usaram suporte ventilatório ao nascimento associando a possíveis alterações na função pulmonar e com doenças e sintomas respiratórios durante a infância. Contudo, só a partir do ano de 2000 é que começaram a haver uma maior produção de estudos de coortes para avaliar esta associação de suporte ventilatório ao nascimento e doenças respiratórias na vida futura. No entanto são poucos estes estudos, sendo necessárias mais pesquisas para poder concluir sobre os efeitos a médio e longo prazo do uso de suporte ventilatório ao nascimento e problemas respiratórios futuros. Assim, o objetivo deste estudo será avaliar a associação entre suporte ventilatório ao nascimento e doenças respiratórias aos seis anos de idade nas crianças pertencentes á Coorte de Nascimentos de 2004, Pelotas, Rio Grande do Sul.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (2) Doutorado: (1) . , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Coordenador / Tiago Neuenfeld Munhoz - Integrante / Flávio S. Chiuchetta - Integrante., Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 1

  • 2013 - Atual

    Efeito do aconselhamento nutricional realizado na infância sobre os transtornos mentais e a inteligência na adolescência: estudo de intervenção, Descrição: Objetivo: Avaliar os efeitos de uma intervenção de aconselhamento nutricional na infância sobre os transtornos mentais e a inteligência na adolescência. Metodologia: No ano de 1998, todas as 24 unidades básicas do município de Pelotas foram aleatoriamente selecionadas para a realização de um ensaio clínico randomizado em clusters. Destas, 14 unidades foram selecionadas para o grupo de intervenção (aconselhamento nutricional) e 14 unidades foram selecionadas para o grupo controle (cuidado habitual). Participaram deste estudo 424 crianças com idade inferior a dois anos. No ano de 2013 foi realizado o quinto acompanhamento das crianças pertencentes ao estudo original. Neste último acompanhamento, 339 jovens (80% da amostra) com idade média de 15,4 (0,5) anos responderam ao questionário que avaliou, entre outros desfechos, os transtornos mentais e também o quociente intelectual (QI). Resultados da revisão bibliográfica: Em relação à cognição e inteligência, foram identificados 31 ensaios clínicos randomizados (ECR) e cinco revisões sistemáticas ou meta-análises que avaliaram os efeitos de intervenções nutricionais (ferro, zinco, ácidos graxos e outros micronutrientes ou macronutrientes) no desenvolvimento cognitivo de indivíduos com idade igual ou inferior a 18 anos. Nestes estudos, nenhum observou diferenças no desenvolvimento cognitivo no grupo intervenção em comparação ao grupo controle ao avaliar os escores globais dos instrumentos utilizados. Em relação aos transtornos mentais, foram identificados sete ECR e quatro revisões sistemáticas ou meta-análises que avaliaram os efeitos de intervenções nutricionais (ferro, zinco, ácidos graxos e outros micronutrientes ou macronutrientes) na melhoria de sintomas de Transtornos do Espectro Autista e Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade. Destes estudos, somente dois estudos observaram diminuição nos sintomas dos transtornos mentais ao comparar o grupo de intervenção ao grupo controle. Conclusões: A revisão sistemática sugere que as intervenções nutricionais estudadas não produziram melhoria do desempenho cognitivo e diminuição dos sintomas de transtornos mentais nos indivíduos que receberam a intervenção em comparação àqueles pertencentes ao grupo controle.  . , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Coordenador / Tiago N. Munhoz - Integrante / Iná S. Santos - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 1

  • 2013 - Atual

    Aconselhamento nutricional da estratégia de Atenção Integral às Doenças Prevalentes na Infância (AIDPI): efeito a longo prazo da intervenção de Pelotas, RS, Brasil., Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Iná da Silva dos Santos em 29/07/2013., Descrição: O capital humano consiste no conjunto de conhecimento, habilidades, competências e outras características, que promovem o bem-estar pessoal, social e econômico dos indivíduos. Há uma crescente evidência, a partir de estudos do ciclo vital com coortes de nascimento, de que fatores precoces na vida influenciam o capital humano avaliado anos mais tarde. A nutrição adequada no início da vida está diretamente associada à altura corporal, escolaridade, renda e posição social alcançadas na vida adulta, bem como ao peso ao nascer da geração seguinte, mesmo após ajuste para fatores de confusão. Tal evidência tem colocado as intervenções nutricionais durante a infância em um papel central para o desenvolvimento social e econômico de longo prazo. Todos os 28 postos de saúde da Secretaria Municipal de Saúde Pelotas localizados na zona urbana do município foram emparelhados conforme indicadores nutricionais e econômicos de linha de base. Um posto de saúde de cada um dos 14 pares foi aleatoriamente selecionado para o grupo intervenção (GI). Todos os médicos que atendiam crianças nos postos do GI receberam treinamento de 20 horas em aconselhamento nutricional, de acordo com uma adaptação local das diretrizes do AIDPI, enquanto que os médicos dos postos controle (grupo controle ? GC) seguiram a rotina habitual. Trinta e três médicos foram incluídos no estudo (17 do GI e 16 do GC) e 13 pacientes menores de 18 meses de idade, de cada médico, foram recrutados. O estudo incluiu avaliação do conhecimento dos médicos, observação de consultas logo após o treinamento e seis meses após, e acompanhamento domiciliar das crianças 8, 45 e 180 dias após a consulta inicial. Mais de 94% dessas crianças foram acompanhadas até o terceiro acompanhamento (180 dias após a consulta inicial). Durante as visitas domiciliares, foram avaliados o conhecimento, as práticas e a adesão maternas às recomendações nutricionais e medidas antropométricas das crianças foram tomadas. O consumo alimentar foi avaliado em uma subamostra de crianças através de observações de dia inteiro e o consumo de leite materno foi validado através de método isotópico (diluição de deutério). Um estudo etnográfico conduzido em paralelo avaliou fatores que contribuíam e que limitavam a adesão às recomendações nutricionais dadas pelo médico. O estudo resultou em várias publicações em revistas científicas de circulação internacional. Os resultados claramente mostraram que o aconselhamento nutricional melhorou o desempenho dos médicos, as práticas maternas, a alimentação e o crescimento das crianças. A randomização dos postos de saúde e a avaliação cega dos desfechos respaldaram o pressuposto de ligação causal entre a intervenção e os desfechos. Uma vez que o estado nutricional e o crescimento adequados no início da infância (primeiros dois anos de idade) promovem o capital humano, a hipótese a ser testada no atual acompanhamento é de que com aproximadamente 15 anos de idade, os adolescentes que, quando crianças, estiveram expostos à intervenção apresentam melhores escores em indicadores de capital humano do que os do GC. Os objetivos do estudo são avaliar o impacto, cerca de 15 anos após a intervenção, do aconselhamento nutricional dado às mães de crianças com 0-18 meses de idade, no contexto da consulta médica, em postos de saúde, sobre: 1) o capital humano dos adolescentes (inteligência, nível de escolaridade, desempenho escolar, saúde mental, bem-estar e felicidade); 2) a antropometria (peso, altura, circunferência abdominal, pregas cutâneas), volume corporal e composição corporal dos adolescentes (massa magra, massa gorda, massa óssea e densidade mineral óssea); 3) saúde física (hipertensão arterial, asma, colesterol plasmático e frações, triglicerídeos, proteína C-reativa) e comportamentos de saúde dos adolescentes (tabagismo; atividade física; hábitos alimentares; consumo de álcool ...). , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Integrante / Iná da Silva dos Santos - Coordenador / Tiago Neuenfeld Munhoz - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 2013 - Atual

    Hospitalização nos primeiros quatro anos de vida e transtorno mental aos seis anos - Estudo de coorte, Descrição: A hospitalização é um evento frequente na infância que pode causar diversas manifestações na criança e na família. Diversos estudos mostraram que a hospitalização pode trazer consequências a curto prazo no crescimento e desenvolvimento e saúde mental das crianças, tais como: problemas físicos, emocionais, cognitivos e psicossociais, como perda de peso, agressividade, distúrbios do sono, angústia, falta de receptividade ao tratamento, entre outros. O período entre seis meses e quatro anos de vida é considerado como o mais vulnerável ao desenvolvimento dos problemas relacionados à hospitalização. Os efeitos a médio e longo prazo da hospitalização na infância foram pouco estudados, entretanto foram responsáveis por mudanças nas práticas hospitalares. Em virtude disso pretende-se estudar os efeitos da hospitalização nos primeiros quatro anos de vida sobre a saúde mental das crianças aos seis anos de idade na coorte de nascimento de 2004 de Pelotas. Para avaliar os transtornos mentais nas crianças aos seis anos de idade foi utilizado o instrumento Development and Well-Being Assessment (DAWBA).  . , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Doutorado: (1) . , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Coordenador / Aluísio Barros - Integrante / Vera Lucia Schmidt da Silva - Integrante / Ina da Silva dos Santos - Integrante., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 2013 - Atual

    Impacto do programa de manejo de depressão durante a gestação no pós parto e no desenvolvimento infantil, Descrição: A depressão perinatal é fenômeno que apresenta alta prevalência (entre 12% e 37% no Brasil) com sérias implicações para o vínculo mãe-bebê, podendo acarretar prejuízo no desenvolvimento da criança. O PROGRAVIDA é um ensaio de comunidade randomizado, em andamento, que objetiva avaliar a eficácia de um Programa de Manejo da Depressão (PMD) em gestantes com sintomas depressivos atendidas nas Unidades Básicas de Saúde que adotam a estratégia do Programa de Saúde da Família, na prevenção de sintomas depressivos no sexto mês do puerpério, comparadas àquelas que recebem o tratamento convencional. O objetivo no presente estudo (PROAPEGO) é avaliar se o PMD tem impacto no estabelecimento do apego entre mãe-bebê, na confiança materna e no desenvolvimento neuropsicomotor da criança, aos seis e aos doze meses de idade, através da investigação de díades mãe-bebê que participaram do PROGRAVIDA. Estima-se que aproximadamente 800 mulheres das estimadas 1000 participantes do PROGRAVIDA serão incluídas no PROAPEGO. Elas serão avaliadas em relação à presença de sintomas depressivos (PHQ9), à confiança materna (MCQ)e ao vínculo estabelecido com seu bebê (PBQ), respondendo também um questionário relativo ao histórico do bebê e seu desenvolvimento. Os bebês serão observados e avaliados por meio do Teste de Triagem de Desenvolvimento de Denver (DDST). O desfecho investigado será a presença de distúrbios do desenvolvimento neuropsicomotor da criança aos seis e aos doze meses de idade e sua associação com as variáveis maternas avaliadas, entre os grupos de mães que receberam a intervenção e as mães do grupo controle.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (2) . , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Integrante / Paulo Rossi Menezes - Integrante / Alexandre Faisal Cury - Coordenador / Julieta Quayle - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 2

  • 2012 - 2014

    Validação dos instrumentos EPDS (Escala de Depressão Pós-natal de Edimburgo) e PHQ-9 (Patient Health Questionnaire-9) para rastreamento e diagnóstico de depressão na comunidade, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Iná da Silva dos Santos em 25/07/2012., Descrição: OBJETIVO GERAL Avaliar a validade dos instrumentos EPDS e PHQ-9 no rastreamento e diagnóstico de depressão em uma sub-amostra de participantes do estudo intitulado ?Diagnóstico de saúde em adolescentes, adultos e idosos da cidade de Pelotas, RS, 2012? OBJETIVOS ESPECÍFICOS - avaliar o desempenho dos instrumentos EPDS e PHQ9 no rastreamento e diagnóstico de adultos com depressão. - avaliar o desempenho do instrumento PHQ9 no rastreamento e diagnóstico de adolescentes com depressão.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Integrante / Beatriz F. Tavares - Integrante / Iná da Silva dos Santos - Coordenador / Tiago Neuenfeld Munhoz - Integrante., Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 1

  • 2012 - 2014

    Determinantes precoces e contemporâneos das trajetórias de saúde mental ao longo da vida: Estudos de Coorte de Nascimentos de 1982 e 1993, Pelotas - RS, Descrição: Objetivo geral - Investigar os determinantes precoces e contemporâneos das diferentes trajetórias de problemas de saúde mental (transtornos mentais e adições) ao longo da vida entre os indivíduos pertencentes às Coortes de Nascimentos de Pelotas de 1982 e 1993. Objetivos específicos -Analisar a distribuição dos problemas de saúde mental em cada acompanhamento das Coortes de 1982 e 1993; -Avaliar o grau em que os problemas de saúde mental se manifestam, tendem a aumentar, diminuir ou permanecer estáveis ao longo da infância e adolescência (Coorte de 1993) e no período entre a adolescência e primeiros anos da vida adulta (Coorte de 1982); -Identificar grupos de indivíduos com diferentes trajetórias de problemas de saúde mental; -Examinar a associação entre fatores precoces e contemporâneos e as trajetórias de saúde mental nos indivíduos; -Avaliar a existência de desigualdades socioeconômicas nas trajetórias de saúde mental nos indivíduos; -Delinear recomendações para o desenvolvimento de estratégias efetivas para a prevenção dos problemas de saúde mental na população.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Coordenador / Pedro Curi Hallal - Integrante / Ana Maria B. Menezes - Integrante / Bernardo L. Horta - Integrante / Denise Petruci Gigante - Integrante / Iná da Silva dos Santos - Integrante / Luciana Anselmi - Integrante / Sandra Petresco - Integrante / Christian Loret de Mola - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 1

  • 2012 - 2013

    Comportamento alimentar de crianças de um escola privada do município de Pelotas, RS, Descrição: Objetivo geral: Descrever o comportamento alimentar de crianças de 6 a 9 anos em uma escola privada do município de Pelotas; Objetivos específicos: - Avaliar o estado nutricional atual das crianças e de seus pais; - Avaliar o consumo alimentar das crianças; - Verificar diferenças no comportamento alimentar em função das seguintes exposições na criança: estado nutricional, consumo alimentar, sexo, faixa etária, prática de atividade física, horas de sono, amamentação, satisfação com o peso, realização de dieta para perda de peso; - Verificar diferenças no comportamento alimentar em função das seguintes exposições nos pais: estado nutricional, escolaridade, satisfação com o peso, percepção em relação ao peso do filho.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Coordenador / Denise Petruci Gigante - Integrante / Darlise Rodrigues dos Passos - Integrante., Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 1

  • 2011 - 2014

    Avaliação de composição corporal em crianças, adolescentes e adultos pertencentes às coortes de nascimentos de Pelotas, RS de 1982, 1993 e 2004, Descrição: O projeto tem como objetivos: a)Comparar a composição corporal de crianças, adolescentes e adultos em uma cidade de porte médio no sul do Brasil; b)Avaliar os determinantes precoces da composição corporal de crianças, adolescentes e adultos; c)Coletar informações confiáveis de composição corporal para que sejam avaliados os efeitos em longo prazo da composição corporal por meio de acompanhamentos posteriores das coortes de Pelotas.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Integrante / Fernando C. Barros - Integrante / Pedro Curi Hallal - Coordenador / Cesar Gomes Victora - Integrante / Ana Maria B. Menezes - Integrante / Bernardo L. Horta - Integrante / Denise Petruci Gigante - Integrante / Aluísio Jardim Dornellas de Barros - Integrante / Iná da Silva dos Santos - Integrante / Maria Cecília Formoso Assunção - Integrante / Helen Gonçalves - Integrante.

  • 2011 - 2014

    Efeito intergeracional do crescimento de mulheres da coorte de nascimentos de 1982 sobre o crescimento de seus filhos pertencentes à coorte de nascimentos de 2004., Descrição: Estudos intergeracionais têm mostrado o efeito do peso ao nascer materno sobre o peso ao nascer dos filhos. Enquanto as primeiras evidências são provenientes de estudos em países desenvolvidos, uma meta análise de cinco coortes de países de renda baixa e média mostra que para cada quilograma de peso materno, há aumento de 208 gramas no peso do primeiro filho. Enquanto o efeito do maior peso ao nascer, bem como do ganho de peso durante a infância sobre obesidade ao longo da vida está bem estabelecido), o efeito intergeracional do peso ao nascer materno sobre o crescimento do filho durante a infância é menos estudado. Finalmente, cabe destacar que existem diferenças do efeito interegeracional de homens e mulheres sobre o peso ao nascer de seus filhos, sugerindo que outras variáveis relacionadas ao ambiente intra-útero possam ter influência sobre o estado nutricional e o crescimento das crianças da segunda geração. Os objetivos do projeto são: (1) Investigar o efeito intergeracional de diversos fatores da saúde e nutrição nos membros da Coorte de Nascimentos de 2004 cujos pais pertencem à Coorte de Nascimentos de 1982, (2) Analisar o efeito do crescimento na infância de uma geração sobre a outra e (3) Comparar a influência do ganho de peso na infância do jovem que pertence a coorte de nascimentos de 1982 sobre o crescimento de seu filho nascido em 2004, considerando diferentes trajetórias socioeconômicas.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Integrante / Fernando C. Barros - Coordenador / Aluísio J D Barros - Integrante / Bernardo L. Horta - Integrante / Denise Petruci Gigante - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1

  • 2011 - 2014

    Crescimento fetal e nos primeiros anos de vida e transtornos mentais na vida adulta. Estudo de Coorte de Nascimentos de 1982, Pelotas, RS, Descrição: Os transtornos mentais representam uma importante causa de incapacidade, dependência e de sofrimento na população, afetando 20 e 56% de adultos em todo o mundo. Determinantes ambientais, genéticos, biológicos e comportamentais têm sido investigados na etiologia dos transtornos mentais. A susceptibilidade para o desenvolvimento destas doenças pode ser decorrente de alterações sofridas durante as primeiras etapas da vida. Estudos em animais demonstraram que a desnutrição em etapas precoces da vida afeta a estrutura e função cerebral, afetando a cognição e os processos funcionais psicológicos relacionados. A pesquisa que se propõe tem como objetivo analisar a associação entre o crescimento intra-uterino e nos primeiros quatro anos de vida e os problemas de saúde mental nos adultos pertencentes à Coorte de Nascimentos de 1982 da cidade de Pelotas, RS, Brasil. Os resultados deste estudo contribuirão para delinear recomendações e desenvolver estratégias que possam colaborar na detecção e tratamento precoce dos problemas mentais nos jovens e diminuir suas consequências nas fases posteriores da vida.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Coordenador / Aluísio J D Barros - Integrante / Denise P Gigante - Integrante / Bernardo L. Horta - Integrante / Luciana Anselmi - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 1

  • 2011 - 2013

    Prevalência e fatores associados à depressão em adultos: estudo de base populacional, Descrição: OBJETIVO GERAL Estudar a prevalência e fatores associados à depressão em adultos, de ambos os sexos, residentes na zona urbana do município de Pelotas, RS. OBJETIVOS ESPECÍFICOS 1. Estimar a prevalência da depressão entre os indivíduos com 20 anos ou mais, nas duas semanas anteriores a coleta de dados; 2. Descrever a distribuição da depressão de acordo com as variáveis demográficas (sexo, idade, cor da pele, situação conjugal), socioeconômicas (renda, escolaridade, nível econômico e situação de trabalho), comportamentais (tabagismo e alcoolismo).. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Coordenador / Iná da Silva dos Santos - Integrante / Tiago Neuenfeld Munhoz - Integrante., Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 1

  • 2010 - 2015

    Prevalência de transtornos mentais e fatores associados em crianças de 6-7 anos pertencentes à Coorte de Nascimentos de Pelotas de 2004, Descrição: Objetivos gerais: Descrever a prevalência de transtornos mentais aos 6 anos nas crianças pertencentes à coorte de nascimentos de Pelotas de 2004 Avaliar os fatores precoces e contemporâneos associados à presença de transtornos mentais aos 6 anos nas crianças pertencentes à coorte de nascimentos de Pelotas de 2004 Objetivos específicos: Descrever a prevalência de transtornos mentais em geral e dos diagnósticos específicos Comparar a prevalência dos transtornos mentais verificados neste estudo com estudos nacionais e internacionais Avaliar a associação entre fatores de risco precoces e contemporâneos e a ocorrência de transtorno mental aos 6 anos. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Doutorado: (1) . , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Coordenador / Sandra Petresco - Integrante., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 2010 - 2014

    Coorte de Nascimentos de Pelotas ? 2004: desigualdades socioeconômicas e raciais nas trajetórias de crescimento e comparação com as Coortes de Pelotas de 1982 e 1993., Descrição: Diversos estudos demonstraram que não somente o tamanho ao nascimento, mas também o crescimento durante a infância e nos primeiros anos de vida está associado ao sobrepeso e obesidade na vida adulta. O sobrepeso e a obesidade alcançaram proporções epidêmicas no mundo inteiro. Em muitos paises o sobrepeso nos primeiros anos de vida está aumentando mais rapidamente que a obesidade nos adultos. Crianças e adolescentes podem tornar-se obesos através de diferentes trajetórias de crescimento. A posição socioeconômica (PSE) nos primeiros anos de vida mostrou-se como um fator mais importante que a PSE na vida adulta como determinante do índice de massa corporal (IMC) na vida adulta. A pesquisa que se propõe tem como objetivo investigar as trajetórias de peso, comprimento e IMC entre diferentes grupos socioeconômicos e raciais das crianças pertencentes à Coorte de Nascimentos de Pelotas 2004, comparar os resultados com as Coortes de 1982 e 1993 e elucidar caminhos que possam levar ao sobrepeso e à obesidade na vida adulta. Os resultados deste estudo ajudarão não somente a identificar desigualdades raciais e socioeconômicas nas trajetórias do crescimento, mas também servirão para delinear recomendações e desenvolver estratégias para a prevenção de sobrepeso/obesidade em crianças e adolescentes.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Coordenador / Aluísio Jardim Dornellas de Barros - Integrante / Iná da Silva dos Santos - Integrante / Marília Sá Carvalho - Integrante / Érika Alejandra Giraldo Gallo - Integrante / Carolina Ávila Vianna - Integrante / Maria Clara Restrepo - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 6

  • 2010 - 2013

    Associação entre o aleitamento materno além do segundo ano de vida e crescimento e saúde mental infantil, Descrição: A Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda o aleitamento materno exclusivo durante os primeiros seis meses de vida e a partir dessa idade, junto a uma alimentação complementar adequada, recomenda a continuação do aleitamento materno por dois anos ou mais. Não obstante, a duração do aleitamento materno após dois anos de vida e os seus efeitos no médio e longo prazo não tem sido amplamente estudada como a duração e os efeitos do aleitamento materno durante o primeiro ano de vida. Estudos existentes têm encontrado a associação entre o aleitamento materno por dois anos ou mais com uma menor prevalência de obesidade e baixa estatura para a idade. Outros estudos não mostram aumento nos depósitos de gordura, mas encontram um crescimento linear maior em crianças que mamaram por dois anos ou mais. Por outro lado, estudos sobre os efeitos psicológicos e comportamentais gerados com esta duração de aleitamento materno são escassos. O presente projeto visa estudar os efeitos em médio prazo do aleitamento materno que se estende além do segundo ano de vida. Será realizada uma revisão bibliográfica sistemática e dois estudos utilizando dados da coorte de Pelotas de 2004. Nestes será analisada a influência do aleitamento materno por dois anos ou mais sobre o crescimento e a saúde mental, especialmente a presença de problemas de comportamento aos 6-7 anos em crianças pertencentes à coorte de Pelotas do ano 2004. Objetivo geral Avaliar a associação entre o aleitamento materno por dois anos ou mais e o crescimento e a saúde mental aos 7 anos de idade. Objetivos específicos Determinar a associação entre o aleitamento materno por dois anos ou mais e o estado nutricional aos 7 anos de idade. Determinar a associação entre o aleitamento materno por dois anos ou mais e problemas de comportamento aos 7 anos de idade. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Doutorado: (1) . , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Coordenador / Aluísio Jardim Dornellas de Barros - Integrante / Iná da Silva dos Santos - Integrante / Carlos Delgado Bocanegra - Integrante., Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 1

  • 2010 - 2012

    A Coorte de Nascimentos de Pelotas de 2004: determinantes atuais e precoces do sobrepeso e do déficit de desenvolvimento cognitivo aos 7 anos de idade, Descrição: OBJETIVOS O atual estudo pretende atender os seguintes objetivos: 1)Avaliar e descrever as condições dos integrantes da coorte de nascimentos em Pelotas no ano de 2004, no ano em que completam 6-7 anos de idade, em relação a seu estado nutricional: a)Padrões de alimentação, freqüência alimentar e consumo de alimentos de alto conteúdo calórico b)Situação antropométrica i)peso e altura; ii)perímetros (cefálico, torácico, abdominal, braço, coxa) iii)volume de tronco e membros c)Composição corporal i)massa magra, massa gorda e conteúdo mineral-ósseo 2)Estudar os determinantes de sobrepeso e de maior massa gorda aos 6-7 anos de idade a)Determinantes precoces: como peso ao nascer, idade gestacional, ganho de peso no primeiro e no segundo anos de vida, duração da amamentação, idade de introdução de alimentos sólidos, nível econômico ao nascer, entre outros b)Determinantes concorrentes (atuais): padrões alimentares, freqüência à escola, atividade física, escolaridade dos pais, nível econômico, entre outros 3)Avaliar o desenvolvimento infantil a)Inteligência b)Desenvolvimento cognitivo, de expressão e interação social c)Atenção d)Desvios de comportamento (agressividade, delinqüência, ansiedade/depressão, etc.) 4)Avaliar fatores ligados a problemas mentais como déficit de atenção, pobre desempenho cognitivo, agressividade a)Determinantes precoces: como peso e idade gestacional ao nascer, duração da amamentação, nível econômico ao nascer, escolaridade dos pais, ingresso precoce em escola/creche, estimulação cognitiva, presença do pai nos primeiros dois anos de vida, entre outros b)Determinantes concorrentes: freqüência à escola, atividade física, estimulação cognitiva, ambiente doméstico, nível econômico, entre outros 5)Expandir o bio-banco de material genético do Centro de Pesquisas Epidemiológicas (CPE) da Universidade Federal de Pelotas através da coleta de amostra de saliva.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Integrante / Aluísio Jardim Dornellas de Barros - Integrante / Iná da Silva dos Santos - Coordenador.

  • 2009 - 2015

    Influências precoces e contemporâneas sobre a composição corporal, capital humano, saúde mental e precursores de doenças crônicas complexas nas três coortes brasileiras (1982, 1993 e 2004), Descrição: Investigar, dentro de cada coorte, determinantes precoces da saúde na infância, adolescência e adulta, em um país de renda média em rápido processo de transição; os desfechos principais incluem a nutrição e composição corporal, precursores de doenças crônicas complexas, saúde mental e capital humano. Documentar nas três coortes tendências temporais dos indicadores de saúde na infância, adolescência e vida adulta, relacionando co a iniquidades socioeconômicas e étnicas.-coletar em cada coorte dados de qualidade sobre o estado nutricional e de saúde que serão utilizados como variávies de exposição para desfechos a serem coletados em futuros acompanhamentos de coortes; Aumentar o trabalho multi-disciplinar envolvendo epidemiologia, estatística, clínica médica, antroplogia e biologia molecular; -continuar o programa de treinamento em epidemiologia do ciclo vital para pesquisadores da América Latina financiado pelo wellcome Trust (WT); Fortalecer e expandir a rede de colaboração dos cincos estudos de coortes na ìndia, guatemala, àfrica do sul, Filipinase Brasil que tem sido desenvolvida nos últimos três anos; também podemos fortalecer a nossa colaboração com pesquisadores britânicos ( University of Bristol, London School of of hygiene and Tropical Medicine and univercity College London); Disseminar os resultados das pesquisa para cientistas, tomadores de decisão e a comunidade envolvida em nossas pesquisas.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Integrante / Pedro Curi Hallal - Integrante / Cesar Gomes Victora - Coordenador / Ana Maria B. Menezes - Integrante / Bernardo L. Horta - Integrante / Cora L. Araújo - Integrante / Fernando Celso Barros - Integrante / Denise Petruci Gigante - Integrante / Aluísio Jardim Dornellas de Barros - Integrante / Iná da Silva dos Santos - Integrante / Gonçalvez, Helen - Integrante., Financiador(es): Wellcome Trust - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2011

    Crescimento fetal e tamanho ao nascimento com os problemas de saúde mental na adolescência. Estudo de Coorte de Nascimentos de 1993, Pelotas - RS., Descrição: OBJETIVO GERAL Analisar a associação entre o crescimento fetal e tamanho ao nascimento com os problemas de saúde mental na adolescência na coorte de nascimentos de 1993 da cidade de Pelotas, RS, Brasil. OBJETIVOS ESPECÍFICOS -Analisar a associação entre o tamanho ao nascimento com problemas de saúde mental aos 11 anos. -Analisar a associação entre o crescimento intra-uterino com os problemas de saúde mental aos 11 anos. -Avaliar se a duração do aleitamento materno e transtorno mental materno modificam as associações entre o tamanho ao nascimento e crescimento intra-uterino com problemas de saúde mental aos 11 anos.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Coordenador / Fernando Celso Barros - Integrante / Márcia Scazufca - Integrante / Erika Giraldo - Integrante., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 2009 - 2011

    Prevalência do uso de ácido acetilsalicílico (AAS) como prevenção de doenças cardiovasculares na cidade de Pelotas, RS, Descrição: Gerais: Estudar a prevalência de uso de AAS como prevenção de doenças cardiovasculares na população adulta da cidade de Pelotas. Específicos: - Estimar a prevalência de doenças crônicas como Hipertensão Arterial Sistêmica (HAS), Diabetes Mellitus (DM), Dislipidemia, Doença Arterial Coronariana (DAC) e Doença Cerebrovascular (AVC isquêmico) nos adultos da cidade de Pelotas. - Estimar a prevalência do uso de AAS como prevenção primária das Doenças Cardiovasculares. - Estimar a prevalência do uso de AAS como prevenção secundária das Doenças Cardiovasculares. - Descrever o uso de AAS na prevenção de doenças cardiovasculares conforme algumas características da população (idade, sexo, cor, presença de fatores de risco). - Identificar se houve indicação médica para uso de AAS na prevenção das doenças cardiovasculares.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Coordenador / David Alejandro González Chica - Integrante / Carolina Vianna - Integrante., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 2009 - 2011

    Determinantes sociais em saúde bucal infantil: análise geracional nas coortes de nascimentos no Sul do Brasil, Descrição: Geral Investigar a relação entre eventos precoces vividos por crianças desde o nascimento e os agravos bucais presentes aos 5 anos de idade. Específicos 1-Estimar a magnitude da associação entre condições socioeconômicas ao nascimento e padrões de cárie dentária, defeitos de esmalte dentário, sangramento gengival, lesões de tecido mole, dor de origem dentária e oclusopatias aos 5 anos de idade; 2-Estimar a magnitude da associação entre aspectos comportamentais relativos à saúde bucal e padrões de cárie dentária, defeitos de esmalte, sangramento gengival, lesões de tecido mole, dor de origem dentária e oclusopatias; 3-Testar a associação entre padrões de alimentação infantil, amamentação e hábitos de sucção não nutritivos sobre a oclusão; 4-Testar a associação entre padrões de desnutrição crônica infantil e defeitos de esmalte e cárie dentária; 5-Testar a associação entre prematuridade e baixo peso ao nascer e morbidades bucais e erupção dentária aos 5 anos de idade; 6-Comparar o padrão de agravos à saúde bucal entre as coortes de nascimento de Pelotas de 1993 e 2004.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Integrante / Aluísio Jardim Dornellas de Barros - Coordenador / Iná da Silva dos Santos - Integrante / Andréia Morales Cascaes - Integrante / Marco Aurélio Peres - Integrante / Karen Glazer de Anselmo Peres - Integrante.

  • 2009 - 2011

    Prevalência de insônia e fatores associados em adultos da cidade de Pelotas, Descrição: Objetivo Geral: Determinar a prevalência e os fatores associados à insônia em adultos residentes na cidade de Pelotas; Objetivos Específicos: Estimar a prevalência de insônia em indivíduos adultos. Avaliar a associação da insônia com as seguintes variáveis: Sexo; Idade; Renda familiar; Escolaridade; Auto-percepção de saúde; Uso de medicamento para dormir; Atividade física; Ocupação; Índice de massa corporal.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Integrante / Luiz Augusto Facchini - Coordenador / Suele Manjourany Silva - Integrante.

  • 2009 - 2010

    Diagnóstico da mortalidade infantil em Pelotas no período 2005-2008. Fatores de risco e tendências, Descrição: A Taxa de Mortalidade Infantil (TMI) representa o número de crianças que morreram antes de completar um ano de vida. Esta taxa é utilizada como um dos indicadores básicos de desenvolvimento humano, expressa o estado de saúde de uma população e também seu nível sócio-econômico. No Brasil em 1980 a TMI era de 82,8 por mil nascidos vivos, caindo para 26,6 por mil nascidos vivos em 2004. A redução deste indicador é ainda um grande desafio, apesar da queda importante na última década, há uma estagnação desta taxa e uma concentração nas regiões e populações mais pobres, refletindo as desigualdades sociais. No Rio Grande do Sul, a mortalidade infantil apresentou um sensível decréscimo de 48,4 óbitos por mil nascidos vivos em 1970, para 13,1 em 2006, mas esta taxa não se manifesta de maneira uniforme nos diferentes municípios, igualmente como acontece no país. Como iniciativa para redução da mortalidade infantil na cidade de Pelotas, foi implantado no final do ano de 2004 o Comitê Municipal de Investigação de óbitos infantis, fetais e de morte materna (COMAI) e em 2005 foi firmado parcerias com diversos segmentos da saúde. O objetivo deste trabalho é fazer um diagnóstico da mortalidade infantil em Pelotas no período de 2005 a 2008, período em que se iniciou uma mobilização de vários segmentos da saúde com a intenção de reduzir a TMI. Este trabalho justifica-se em virtude da importância deste indicador para o município e toda a população. Servirá para subsidiar processos de planejamento, gestão e avaliação de políticas de saúde voltadas para a área materno-infantil. O conhecimento destes dados resultará na melhor compreensão não apenas das causas de morte e seus determinantes, possibilitando a melhor abordagem sob o ponto de vista clínico, mas também à gestão e planejamento dos serviços de saúde.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: / Mestrado profissional: (1) . , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Coordenador / Vera Lúcia Schmidt da Silva - Integrante., Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 1

  • 2009 - 2010

    Avaliação da cobertura vacinal contra Hepatite B na população menor de 20 anos nos municípios da 3° Coodenadoria Regional de Saúde entre os anos 1999 e 2007., Descrição: A Hepatite B é um importante problema de saúde pública que pode ser prevenido com vacinação. A população alvo desta estratégia, definida pelo Ministério da Saúde do Brasil são os menores de 20 anos. Os objetivos deste projeto de pesquisa são avaliar a cobertura vacinal contra Hepatite B nos municípios da 3ª Coordenadoria Regional de Saúde na população menor de 20 anos, entre os anos de 1999 e 2007, e descrever a associação da cobertura vacinal com algumas características dos Municípios (características sócio-demográficas, escolaridade do chefe da família, número de profissionais de saúde por Unidade Básica de Saúde (UBS), número de UBS tradicionais e com Estratégia Saúde da Família, saneamento básico, Produto Interno Bruto e o porte do município). Após esta avaliação os municípios serão visitados para apresentar os resultados e planejar ações conforme as necessidades encontradas.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: / Mestrado profissional: (1) . , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Coordenador / Marcilia Bueno - Integrante., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 2007 - 2009

    Hipertensão arterial sistêmica auto-referida: validação diagnóstica em estudo populacional, Descrição: Objetivos Gerais: Determinar a validade do diagnóstico auto-referido de hipertensão arterial sistêmica entre indivíduos com 20 anos ou mais de idade residentes na cidade de Pelotas, RS. Medir a prevalência de HAS auto-referida e de HAS medida através de monitor de pressão sanguínea de pulso. Objetivos Específicos: Avaliar a sensibilidade, especificidade, valores preditivos positivo e negativo, bem como a acurácia do diagnóstico auto-referido de HAS de acordo com características demográficas, educacional e de utilização de serviço de saúde. Descrever os indivíduos que se auto-referirem hipertensos, segundo características demográficas, socioeconômicas, comportamentais, história familiar de HAS e utilização de serviços de saúde.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Integrante / Iná da Silva dos Santos - Coordenador / Maria Aurora Dropa Chrestani Cesar - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 2006 - 2008

    Determinantes e consequências dos nascimentos pré-termos: a coorte de nascimentos de 2004 de Pelots, Descrição: 1. Revisar a literatura publicada e bancos de dados oficiais para descrever a evolução temporal das taxas de nascimentos pré-termo no Brasil. 2. Avaliar os determinantes da tendência ascendente nos nascimentos pré-termo em Pelotas, através de um estudo aprofundado de uma série de casos, aninhado na coorte de nascimentos de 2004. 3. Avaliar o impacto dos nascimentos pré-termo, caracterizados em diferentes faixas de idade gestacional sobre a mortalidade neonatal e pós-neonatal, a morbidade durante os dois primeiros anos de vida, o crescimento e o desenvolvimento psicomotor aos dois anos de idade, através do acompanhamento das crianças nascidas em 2004. 4. Fornecer subsídios para as políticas públicas de saúde com o objetivo de reduzir a incidência de nascimentos pré-termo.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Integrante / Cesar Gomes Victora - Integrante / Fernando Celso Barros - Integrante / Aluísio Jardim Dornellas de Barros - Integrante / Iná da Silva dos Santos - Coordenador., Financiador(es): Ministério da Justiça - Auxílio financeiro.

  • 2006 - 2007

    Desigualdades na saúde das mães e das crianças: comparação entre as coortes de nascimentos de ALSPAC e Pelotas, Descrição: Desigualdades na saúde das mães e das crianças foram documentadas em diversos países assim como dentro dos mesmos. Nos últimos anos, este problema está sendo estudado com maior profundidade e muitos países colocaram este tema no centro de suas políticas. No entanto, existem carências de informação de qualidade em nível individual que permita estudar os principais determinantes que estão por detrás das desigualdades na saúde. No estado de Avon, no Reino Unido em 1991 e na cidade Pelotas, Brasil, em 1982, 1993 e 2004 foram desenvolvidos estudos de coorte de nascimentos de base populacional que provém uma oportunidade única para o estudo e comparação das desigualdades na saúde. O estudo proposto tem como objetivo a medição e a comparação de desigualdades na saúde das mães e das crianças entre duas populações: a população dos estudos das coortes de Pelotas e a população do estudo de ALSPAC (Avon Longitudinal Study of Pregnancy and Childhood). Os resultados deste estudo contribuirão à compreensão da natureza das desigualdades na saúde das mães e das crianças, à implementação de recomendações acerca de como monitorar e prevenir desigualdades assim como também ao delineamento de intervenções orientadas a reduzi-las.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Coordenador / Cesar Gomes Victora - Integrante / Jean Golding - Integrante / George Davey Smith - Integrante., Financiador(es): Wellcome Trust - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 4

  • 2004 - 2005

    Impacto de la Vacunación Anti-influenza en Niños de 6 a 23 meses, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Integrante / Maria Hortal - Coordenador., Financiador(es): Organização Panamericana de Saúde - Auxílio financeiro.

  • 2000 - 2002

    Maternal caffeine consumption during pregnancy and foetal death: a case-control study in Montevideo, Uruguay, Descrição: The objective of this study was to examine the association between caffeine intake during pregnancy and fetal mortality in Montevideo, the capital city of Uruguay, taking into account several potential confounding factors. A population-based case-control study was conducted between 1 August 2002 and 31 December 2003. A total of 382 cases and 792 controls were recruited. Cases consisted of women hospitalised with a medically confirmed diagnosis of spontaneous antepartum fetal death, in all maternity hospitals during the study period. Antepartum fetal death was defined as a fetal death in which the attending doctor certified that the death occurred prior to the onset of labour. Fetal deaths were included if they were of at least 20 weeks' gestational age or weighed >350 g. Controls were women who had a live, vigorous and term adequate-for-gestational-age newborn. Multiple gestations and fetuses/newborns with evident congenital malformations were excluded. Only a small proportion of the mothers (8.1% of the cases and 9.5% of the controls) did not consume caffeine during pregnancy. Among consumers, mate drinking was the most frequent source of caffeine in both cases and controls. After controlling for mother's and her partner's education, history of abortions and/or fetal deaths, vomiting/nausea during the first trimester of gestation and attendance for prenatal care, the category of mean caffeine intake of > or = 300 mg/day showed a significantly increased risk of fetal death (OR 2.33 [1.23; 4.41]) compared with no caffeine consumption during pregnancy. The study also found that less-educated women, mothers who did not attend for prenatal care and women with a history of abortions and fetal death were at an increased risk of fetal death. As mate drinking is highly consumed among pregnant women in Uruguay, the association found with fetal death makes it a preventable risk factor.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Doutorado: (1) . , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Coordenador / Fernando C. Barros - Integrante / Iná S Santos - Integrante / A Yemini - Integrante., Financiador(es): Organización Panamericana de la Salud - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 2

  • 1999 - 2005

    A population-based assessment of disease burden from consolidated pneumonias in hospitalized children under 5 years age, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) . , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Integrante / Bremen de Mucio - Integrante / Maria Hortal - Coordenador / Miguel Estevan - Integrante / Inés Iraola - Integrante., Financiador(es): Organización Panamericana de la Salud - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 2

  • 1999 - 2005

    Epidemiologic surveillance of the morbidity and mortality of very low birthweight babies in all maternity hospitals of Uruguay, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (2) . , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Integrante / Carolina A. Forteza - Integrante / Díaz-Rossello, José L. - Coordenador., Número de produções C, T & A: 4

  • 1999 - 2000

    Atenção à saúde dos recém-nascidos de muito baixo peso ao nascer em Montevidéu, Uruguai, Descrição: OBJECTIVE: To compare morbidity and mortality in very low birthweight infants admitted to public and private intensive care units in Montevideo, Uruguay. METHODS: Longitudinal design. All very low birth weight infants born in public hospitals of Montevideo between May 1st and October 31st, 1999, were included in the study and followed up until they were discharged from hospital, or died. The quality of care, and morbidity and mortality rates obtained in private intensive care units were compared with those observed in public intensive care units (infants who were never transferred). RESULTS: Of 141 infants, 19 were excluded from the study (13 died at the delivery room and six were transferred to intensive care units of other public hospitals). Of the remaining 122 infants, 61 were kept at the intensive care units of public hospitals, and 61 were transferred to a private unit. The infants who were transferred presented lower gestational age and increased neonatal depression. However, mortality among infants treated at intensive care units of public hospitals was twice as high (Hazard Ratio 1.8; 95%CI 1.1-3.4; P=0.04), especially in infants who weighed less than 1,000g (Hazard Ratio 2.4; 95%CI 1.1-5.5; P=0.04). CONCLUSIONS: The health status of very low birth weight infants treated at intensive care units of public and private hospitals in Montevideo, Uruguay, was assessed. Mortality was lower, and health care was better in neonatal units of private hospitals.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (2) . , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Coordenador / Carolina A. Forteza - Integrante / Díaz-Rossello, José L. - Integrante / Fernando C Barros - Integrante., Número de produções C, T & A: 3

  • 1998 - 1999

    Infecção respiratórias agudas nas crianças menores de 5 anos, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Alicia Matijasevich Manitto - Integrante / Alicia Montano - Coordenador / Ana María Ferrari - Integrante.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Prêmios

2018

Inovação em Medicina Social - Primeiros Laços: um programa de visitação domiciliar para jovens mães e seus filhos vivendo em condições adversas, Premio Abril & Dasa de Inovação Médica.

2016

Prêmio Melhor Pôster, IV Congresso Clínica Psiquiátrica.

2014

2º lugar na mostra competitiva: Prêmio RESS Evidência, Revista de Epidemiologia e Serviços de Saúde - 14a EXPO-Epi.

2013

Prêmio Destaque de Trabalhos Científicos ao trabalho: "Comportamentos favoráveis à prática de atividade física ou ao sedentarismo e obesidade aos 4 anos: Coorte de Nascimentos de 2004, Pelotas-RS", apresentado no XXII CIC Universidade Federal de Pelotas.

2012

Menção honrosa ao trabalho "Prevalência de sobrepeso e de obesidade em crianças de uma escola privada no município de Pelotas, RS", apresentado no XIV Encontro da Pós-graduação da UFPel, Universidade Federal de Pelotas.

2012

Prêmio Destaque de Trabalhos Científicos ao trabalho: "Prevalência de déficits nutricionais e obesidade em crianças e associação com características da alimentação: Coorte de Nascimentos de 2004", apresentado no XXI CIC Universidade Federal do Rio Grande.

2011

Prêmio Destaque de Trabalhos Científicos ao trabalho "Hábitos intestinais na infância", II Simpósio Sul Americano de Pediatria e IV Congresso Gaúcho de Atualização em Pediatria - SPRS.

2011

Recognized Health Educator Award, International Society for Developmental Origins of Health and Disease.

2009

Young Investigator Award, Developmental Origins of Health and Disease Society.

2009

Fellowship, Developmental Origins of Health and Disease Society.

2007

Prêmio Saúde é Vital - Saúde da Mulher, Editora Abril.

2006

Fellowship, Wellcome Trust.

2005

Training Grant in Perinatal Epidemiology, Canadian Institutes of Health Research.

2003

Research Training Grant in Public Health, Pan American Health Organization.

2000

Prêmio honorífico da Academia Nacional de Ingenieria, Academia Nacional de Ingenieria e Ministerio de Educación - Uruguay.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. , Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, Pacaembu, 01246903 - São Paulo, SP - Brasil, Telefone: (11) 30618609, URL da Homepage:

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2013 - Atual

    Universidade de São Paulo

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Associado, Regime: Dedicação exclusiva.

    Atividades

    • 03/2015

      Ensino, Medicina, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, MPR131 Epidemiologia II - Estudos epidemiológicos, MSP4252 - Prática Médica na Atenção Primária à Saúde, UC29 (MSP1290) - Fundamentos da Pesquisa em Medicina

    • 10/2014

      Ensino, Departamento de Medicina Preventiva, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, MPR5729 - Análise de estudos epidemiológicos I

    • 04/2014

      Extensão universitária , Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, .,Atividade de extensão realizada, Métodos Quantitativos em Saúde (Módulos I, II e III).

    • 03/2014

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, .,Cargo ou função, Membro da Comissão de Avaliação Permanente Extensiva (desde março 2014).

    • 10/2013

      Pesquisa e desenvolvimento , Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, .,Linhas de pesquisa

    • 10/2013

      Ensino, Residência Multiprofissional, Nível: Especialização,Disciplinas ministradas, Métodos quantitativos em Saúde. Módulo I; princípios gerais de epidemiologia e estatística aplicada

  • 2014 - Atual

    Universidade Federal de Pelotas

    Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Professor colaborador do Programa de PPGE, Carga horária: 4

    Outras informações:
    Professor Colaborador do Programa de Pós-Graduação em Epidemiologia da UFPel. Co-oriento aluno de doutorado. Colaboro com a disciplina de Epidemiologia Clínica (regente Professora Iná S. Santos).

  • 2011 - 2013

    Universidade Federal de Pelotas

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Adjunto, Regime: Dedicação exclusiva.

  • 2008 - 2010

    Universidade Federal de Pelotas

    Vínculo: Professor Visitante, Enquadramento Funcional: Professor visitante estrangeiro, Regime: Dedicação exclusiva.

  • 2004 - 2008

    Universidade Federal de Pelotas

    Vínculo: pesquisa e desenvolvimento, Enquadramento Funcional: Pesquisador associado, Carga horária: 40

    Atividades

    • 03/2011 - 11/2013

      Ensino, Epidemiologia, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, Estatística I - II

    • 03/2010 - 11/2013

      Ensino, Epidemiologia, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, Seminário de Ciclo Vital I - IV

    • 03/2010 - 11/2013

      Ensino, Medicina, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Medicina de Comunidade

    • 03/2008 - 11/2013

      Ensino, Epidemiologia, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, Orientação de Dissertações e Teses I - VIII

    • 03/2008 - 11/2013

      Ensino, Epidemiologia, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, Introdução à Informática e ao Programa Estatístico Stata

    • 03/2011 - 08/2013

      Ensino, Nutrição e Alimentos, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, Bioestatística I

    • 03/2008 - 12/2011

      Ensino, Epidemiologia, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, Estatística Básica I

    • 03/1999 - 12/2002

      Pesquisa e desenvolvimento , Centro de Pesquisas Epidemiológicas, .,Linhas de pesquisa

  • 2007 - 2007

    University of Bristol

    Vínculo: Pesquisador associado, Enquadramento Funcional: Pesquisador associado, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Atividades

    • 04/2007

      Pesquisa e desenvolvimento , Department of Social Medicine, .,Linhas de pesquisa

  • 2002 - 2004

    Facultad de Medicina Universidad de La República

    Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Professor assistente, Carga horária: 20

  • 1999 - 2002

    Facultad de Medicina Universidad de La República

    Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Professor asistente, Carga horária: 40

    Atividades

    • 04/2002 - 03/2004

      Ensino, Epidemiologia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Epidemiologia, Estatística

    • 04/1999 - 03/2002

      Ensino, Neonatologia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Neonatologia

    • 04/1999 - 03/2002

      Serviços técnicos especializados , Hospital de Clínicas, .,Serviço realizado, Atenção de recém-nascidos em Unidade de Terapia Intensiva.

  • 2002 - 2002

    Centro Hospitalar Pereira Rossell

    Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Coordenadora da Área Pediátrica

    Outras informações:
    Assesoria da Área Programática "Mujer - Niñez", nas seguintes Propostas Programáticas: - Análisis del estado de situación de la infancia en el Uruguay - Registro de morbilidad infantil y actualización del Carné Unico del Niño - Fortalecimiento de la vigilancia epidemiológica de las IRAs y su gradual extensión al país - Presentación de resultados del pirmer año del estudio sobre la "Carga de Enfermedad de la Neumonia del Niño" - Reactivación de los programas de Lactancia materna - Estudio de Mortalidad de Recién Nacidos com peso entre 2.000 y 2.499 gramos

  • 1998 - 1999

    Centro Hospitalar Pereira Rossell

    Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Professor titular, Carga horária: 40

    Atividades

    • 04/1998 - 01/1999

      Ensino, Pediatria, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Projeto de pesquisa, Clínica pediátrica para residentes de pediatría, Supervisão de procedimentos pediátricos

  • 1997 - 2000

    Cima Espana

    Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Especialista em Pediatria

    Atividades

    • 03/1997 - 09/2000

      Serviços técnicos especializados , Cima Espana, .,Serviço realizado, Atendimento pediátrico e neonatal.

  • 2001 - 2006

    Circulo Catolico de Obreros

    Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Especialista em Neonatologia

    Atividades

    • 09/2001 - 12/2003

      Serviços técnicos especializados , Circulo Catolico de Obreros, Unidade de Cuidado Neonatal Intensivo.,Serviço realizado, Cuidado neonatal intensivo e atendimento de casos de alto risco..

    • 09/2001 - 12/2003

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Circulo Catolico de Obreros, Unidade de Cuidado Neonatal Intensivo.,Cargo ou função, Participação em discussões e decisões de casos clínicos; participação em comissão de decisões clínicas.

  • 1999 - 2004

    Hospital Militar

    Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Especialista em Neonatologia

    Atividades

    • 04/1999 - 01/2004

      Serviços técnicos especializados , Hospital Militar, .,Serviço realizado, Atendimento pediátrico neonatal.

  • 2004 - 2005

    Organizacion Panamericana de la Salud/ Organizacion Mundial de la Salud

    Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador