Jossimara Polettini

Possui graduação em Ciências Biológicas Modalidade Médica pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (2004), mestrado (2007) e doutorado (2011) em Patologia pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho. Realizou seu Pos-Doutoramento pela mesma institução com estágio pos doutoral na The University of Texas Medical Branch at Galveston, EUA, com auxílio financeiro da CAPES. Atualmente é docente do Curso de Medicina na Universidade Federal da Fronteira Sul, Campus Passo Fundo, RS e docente permanento do Programa de Pós-Graduação em Ciências Biomédicas da UFFS. Atua principalmente nos seguintes temas: tecnicas biologia molecular, mecanismos de parto pre termo e rotura prematura de membranas, corioamnionite, cultura células amnióticas, mediadores inflamatorios e oxidativos, infecção do trato genital inferior .

Informações coletadas do Lattes em 04/05/2022

Acadêmico

Formação acadêmica

Doutorado em Patologia

2007 - 2011

Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho
Título: Rotura Prematura de Membranas Pré-Termo e corioamnionite histológica: Aspectos da resposta imune inata e de repercussões no período neonatal
Márcia Guimarães da Silva. Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Palavras-chave: citocinas inflamatórias; rotura prematura de membranas; resposta imune inata; beta defensinas; corioamnionite; Interleucina-18. Grande área: Ciências da Saúde

Mestrado em Patologia

2005 - 2007

Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho
Título: Análise quantitativa da expressão de citocinas inflamatórias em membranas corioamnióticas de gestantes com rotura prematura de membranas pré-termo,Ano de Obtenção: 2007
Márcia Guimarães da Silva.Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Palavras-chave: citocinas inflamatórias; rotura prematura de membranas; Real Time -PCR.Grande área: Ciências da Saúde

Graduação em Ciências Biológicas Modalidade Médica

2001 - 2004

Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho
Título: Estimativa da prevalência dos genotipos do Papilomavirus Humano em pacientes portadores de verrugas genitais: correlação clínico-histopatológica
Orientador: Profa Dra. Márcia Guimarães da Silva

Ensino Médio (2º grau)

1996 - 1998

Associação Mogimiriana de Educação

Ensino Fundamental (1º grau)

1992 - 1995

Escola Estadual Francisco Piccolomini

Pós-doutorado

2012 - 2014

Pós-Doutorado. , Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil. , Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. , Grande área: Ciências da Saúde

2012 - 2013

Pós-Doutorado. , The University of Texas Medical Branch at Galveston, UTMB, Estados Unidos. , Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.

Formação complementar

2019 - 2019

Curso Praticando o SEi - Sistema de Informações Eletrônicas. (Carga horária: 3h). , Universidade Federal da Fronteira Sul, UFFS, Brasil.

2019 - 2019

Oficina: Estratégias para a Inclusão da Pessoa com Deficiência no Ensino Su. (Carga horária: 4h). , Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Passo Fundo, UFFS, Brasil.

2016 - 2016

Avaliação da Aprendizagem no Ensino Superior: técnicas de avaliação. (Carga horária: 3h). , Universidade do Oeste Paulista, UNOESTE, Brasil.

2016 - 2016

Treinamento técnico: Sequenciamento gênico equipamento GS Junior System. (Carga horária: 36h). , Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.

2015 - 2015

Elaboração de parecer técnico-científico. (Carga horária: 20h). , Instituto de Saúde, ISaúde, Brasil.

2014 - 2014

Animal Biosafety Laboratory 2. (Carga horária: 8h). , The University of Texas Medical Branch at Galveston, UTMB, Estados Unidos.

2013 - 2013

Implementing Good Documentation Practices. (Carga horária: 1h). , The University of Texas Medical Branch at Galveston, UTMB, Estados Unidos.

2013 - 2013

Advanced Operators AGSX and Trapezium X. (Carga horária: 4h). , The University of Texas Medical Branch at Galveston, UTMB, Estados Unidos.

2009 - 2009

Treinamento Básico de PCR tempo real. (Carga horária: 24h). , LGC Biotecnologia, LGC, Brasil.

2009 - 2009

Treinamento eq. Gene Line K-Bioer, PCR tempo real. (Carga horária: 16h). , LGC Biotecnologia, LGC, Brasil.

2006 - 2006

Extensão universitária em Manipulação de ácidos nucleicos. (Carga horária: 40h). , Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.

2005 - 2005

Atualizações em Patologia. (Carga horária: 8h). , Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.

2005 - 2005

Técnicas atuais em imunologia. (Carga horária: 4h). , Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.

2004 - 2004

I Curso de Inverno de Patologia. (Carga horária: 80h). , Universidade de São Paulo, USP, Brasil.

2004 - 2004

III Curso de Doenças Sexualmente Transmissíveis. (Carga horária: 12h). , Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.

2004 - 2004

controle de qualidade dos alimentos. (Carga horária: 8h). , Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.

2004 - 2004

Técnicas de Biologia Molecular aplicada a Neurociê. (Carga horária: 4h). , Federação das Sociedades de Biologia Experimental, FeSBE, Brasil.

2003 - 2003

IV Curso de Infecções Genitais Femininas. (Carga horária: 24h). , Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.

2003 - 2003

Diagnóstico Molecular do HIV. (Carga horária: 8h). , Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.

2002 - 2002

Curso de Biossegurança. (Carga horária: 12h). , Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.

2001 - 2001

Plantas medicinais. (Carga horária: 8h). , Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.

Idiomas

Bandeira representando o idioma Inglês

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Bandeira representando o idioma Espanhol

Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.

Áreas de atuação

Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Saúde Materno-Infantil.

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Biologia Geral / Subárea: Biologia Molecular.

Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Anatomia Patológica e Patologia Clínica.

Organização de eventos

POLETTINI, JOSSIMARA . XI Jornada de Iniciação Científica e Tecnológica. 2021. (Congresso).

ACRANI, G. O. ; LINDEMANN, I. L. ; POLETTINI, JOSSIMARA . II Semana de Pesquisa no Curso de Medicina. 2019. (Outro).

POLETTINI, Jossimara . II Simpósio de Biomedicina do Oeste Paulista. 2015. (Outro).

POLETTINI, Jossimara . III Encontro de Pós-Graduação da Faculdade de Medicina de Botucatu, UNESP. 2007. (Congresso).

POLETTINI, Jossimara . I Encontro de Pós-Graduação da Faculdade de Medicina de Botucatu. 2005. (Congresso).

POLETTINI, Jossimara . 5 Encontro Regional de Biomedicina. 2002. (Outro).

Participação em eventos

XI Jornada e Iniciação Científica e Tecnológica. 2021. (Outra).

X JORNADA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA - X JIC,. 2020. (Outra).

6 Congresso Internacional em Saúde. PROFILE OF INFLAMMATORY CYTOKINES IN COLOSTRUM IN NURSING MOTHERS AT THE EXTREMES OF REPRODUCTIVE AGE. 2019. (Congresso).

XXI CGEM - Congresso Gaucho Educação Medica. 2019. (Congresso).

The XXII International Federation of Gynecology and Obstetrics World Congress. TELOMERE LENGTH AND TELOMERASE ACTIVITY IN CHORIOAMNIOTIC MEMBRANES. 2018. (Congresso).

VI Semana da Saúde do Servidor. 2018. (Outra).

Encontro Nacional de Ensino, Pesquisa e Extensão ? ENEPE.Membro da Comissão Avaliadora do 6o Prêmio Científico UNOESTE. 2017. (Encontro).

IX ENPED - Encontro Pedagógico Docentes da Unoeste. 2017. (Encontro).

PREBIC Annual Workshop 2017. 2017. (Outra).

XVII Workshop de Genética.Telomere lentgh in chorioamniotic membranes from term and spontaneous preterm birth. 2017. (Outra).

Encontro Nacional de Ensino, Pesquisa e Extensão ? ENEPE.Resultados maternos e perinatais em gestações de termo em maternidade do interior do estado de São Paulo. 2016. (Encontro).

Encontro Nacional de Ensino, Pesquisa e Extensão da Unoeste.Sessão de Comunicação Oral. 2016. (Encontro).

35th Society of Maternal Fetal Medicine Meeting. Activation of p38MAPK and Senescence in Fetal Membranes Induced by Telomere Overhang Sequence: A Novel Mechanism for Preterm Birth. 2015. (Congresso).

ENEPE: Encontro Nacional de Ensino, Pesquisa e Extensão da Unoeste.Coordenador de Sessão de Comunicação Oral. 2015. (Encontro).

II Simpósio de Biomedicina.Manejo Diagnóstico das infecções genitais femininas: abordagem laboratorial. 2015. (Simpósio).

2014 SGI 61st Annual Scientific Meeting - Society for Gynecologic Investigation. Oxidative Damage of Telomeres Promotes Amnion Cell Senescence through p38MAPK Pathway. 2014. (Congresso).

34th Annual Meeting - The Society for Maternal-Fetal Medicine. Screening of lysyl oxidase (LOX) and lysyl oxidase like (LOXL) enzyme expression and activity in preterm prelabor rupture of fetal membranes. 2014. (Congresso).

PREBIC - Preterm Birth International Collaborative Meeting. 2014. (Encontro).

XIV Congresso Brasileiro de Biomedicina. MANEJO DIAGNÓSTICO DAS INFECÇÕES GENITAIS FEMININAS: ABORDAGEM LABORATORIAL. 2014. (Congresso).

PREBIC - Preterm International Collaborative Meeting 2013.In vitro Assessment of Fetal Membrane Oxidative Stress to Risk Factors of Preterm Birth. 2013. (Encontro).

PREBIC - Preterm International Collaborative Meeting 2012. Interleukin 18 messenger RNA and pro-IL-18 protein expression in chorioamniotic membranes from pregnant women with pretem prelabor rupture of membranes. 2012. (Congresso).

Recent Advances in Womens Health. 2011. (Encontro).

7th European Conference of European Society for Infectious Diseases in Obstetrics and Gynaecology. Messenger RNA and protein expression of IL-18 in chorioamniotic membranes from pregnant women with preterm premature rupture of membranes.. 2010. (Congresso).

I International Workshop of the HPV Institute. 2010. (Simpósio).

VI Encontro de Pós Graduação da Faculdade de Medicina de Botucatu.Expressão de defensinas 1, 3 e 4 em membranas corioamnióticas de gestações complicadas por corioamnionite. 2010. (Encontro).

IV Encontro de Pos-Graduacao da Faculdade de Medicina de Botucatu.Correlation between the presence of Mycoplasma hominis and Ureaplasma Urealyticum and levels of IL-6 and IL-10 in amniotic fluid of pregnant women with preterm labor. 2008. (Encontro).

XXI European Congress of Perinatal Medicine. Detection of inflammatory cytokines mRNA by real time PCR in chorioamniotic membranes from the pregnant women with preterm premature rupture of membranes. 2008. (Congresso).

10 Encontro Regional de Biomedicina.Detection of inflammatory cytokines mRNA by real time PCR in chorioamniotic membranes from the pregnant women with preterm premature rupture of membranes. 2007. (Encontro).

41 Congresso Brasileiro de Patologia Clinica e Medicina Laboratorial. Prevalência de cervicite por Chlamydia trachomatis em gestantes atendidas em ambulatório de infecção genital - dados preliminares. 2007. (Congresso).

III Encontro de Pós-Graduação da Faculdade de Medicina de Botucatu, UNESP.Detection of inflammatory cytokines mRNA by real time PCR in chorioamniotic membranes from the pregnant women with preterm premature rupture of membranes.. 2007. (Encontro).

40° Congresso de Patologia Clínica-Medicina Lboratorial. Relação de infectividade entre papilomavirus humano (HPV) e Chlamydia trachomatis em gestantes com lesões sugestivas de doença HPV induzida. 2006. (Congresso).

9° Encontro Regional de Biomedicina.Relação de infectividade entre papilomavirus humano (HPV) e Chlamydia trachomatis em gestantes com lesões sugestivas de doença HPV induzida 2006. 2006. (Encontro).

II Encontro de Citopatologia. 2006. (Encontro).

II Encontro de Pós-Graduação da Faculdade de Medicina de Botucatu. 2006. (Encontro).

8 Encontro Regional de Biomedicina. 2005. (Encontro).

I Encontro de Pós-graduação da Faculade de Medicina de Botucatu.Detecção e genotipagem de HPV em queratoacantoma solitário. 2005. (Encontro).

III Simpósio Internacional de Oncovirologia. 2005. (Simpósio).

XVI Encontro Nacional de Virologia. HPV detection and genotyping in solitary kerathoacantoma. 2005. (Congresso).

7° Encontro Regional de Biomedicina.Estimativa da prevalência dos genotipos do papilomavirus humano em pacientes portadores de verrugas genitais: correlação clínico-histopatológica.. 2004. (Encontro).

Simpósio de Imunologia: Autoimunidade. 2004. (Simpósio).

VIII Jornada Científica do Programa de Pós-Graduação em Patologia. 2004. (Outra).

XIX Reunião Anual da Federação de Sociedades de Biologia Experimental - FeSBE.Estimativa da prevalência dos genotipos do papilomavirus humano em pacientes portadores de verrugas genitais: correlação clínico-histopatológica.. 2004. (Outra).

6 Encontro Regional de Biomedicina.6 Encontro Regional de Biomedicina. 2003. (Encontro).

5 Encontro Regional de Biomedicina. 2002. (Encontro).

III Simpósio Nacional de Biologia Molecular aplicada à Medicina.III Simpósio Nacional de Biologia Molecular aplicada à Medicina. 2002. (Simpósio).

1 Conferência Regional de Biomedicina.I Conferência Regional de Biomedicina. 2001. (Outra).

4 Encontro Regional de Biomedicina.4 Encontro Regional de Biomedicina. 2001. (Encontro).

II Conferência Ítalo-brasileira sobre Regeneração Nervosa.II Conferência Ítalo-Brasileira sobre Regeneração Nervosa. 2001. (Outra).

Participação em bancas

Aluno: Gabriela Bissoni Moura

MARCONI, C.POLETTINI, J.. Relação entre abundância de Lactobacillus crispatus e consumo de leite e derivados nas comunidades bacterianas vaginais. 2021. Dissertação (Mestrado em Tocoginecologia) - Universidade Federal do Paraná.

Aluno: Moisés Diogo de Lima

LIMA, M. D.; SILVA, MÁRCIA G; CAMACHO, C. R. C.; SOUZA, E. S. S.; PAIVA, C. S. M.;POLETTINI, J.. Análise dos mecanismos fisiopatológicos relacionados ao parto pré-termo: corioamnionite histológica, estresse oxidativo e apoptose. 2016. Tese (Doutorado em Patologia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Juliana Seger Link

SOCCOL, V. T.;POLETTINI, Jossimara; MINOZZO, J. C.; CASTRO, E. A.. Peptídeos sintéticos para diagnóstico e imunoprofilaxia da leishmaniose tegumentar americana. 2014. Tese (Doutorado em Microbiologia, Parasitologia e Patologia) - Universidade Federal do Paraná.

Aluno: Ana Carolina Pereira

SILVA, M. G.;POLETTINI, Jossimara; NAI, G. A.; FECCHIO, D.; GONCALVES, A. K. S.. Contribuição ao entendimento dos mecanismos de rotura prematura de membranas pré-termo. 2013. Tese (Doutorado em Patologia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Moisés Diogo de Lima

SILVA, M. G.; CAMACHO, C. R. C.;POLETTINI, Jossimara. Marcador de estresse oxidativo em membranas corioamnióticas de gestações complicadas por trabalho de parto pré-termo e rotura prematura de membranas pré-termo.. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Patologia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Natália Prearo Moço

SILVA, M. G.; MELICIO, L. D.;POLETTINI, Jossimara. Evaluation of gene expression of TLR-1, TLR-2, TLR-4 and TLR-6 in maternal neutrophils during normal pregnancy and preterm labor. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Patologia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Gabriela Bissoni Moura

POLETTINI, JOSSIMARA. Relação entre abundância de Lactobacillus crispatus e consumo de leite e derivados nas comunidades bacterianas vaginais. 2021. Exame de qualificação (Mestrando em Tocoginecologia) - Universidade Federal do Paraná.

Aluno: Alice Lopes

POLETTINI, J.; FRANCESCHI, W. B.; CARLOTTO, J. R. M.. Esplenectomia: perfil epidemiológico, indicações e complicações pós-operatórias. 2021. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em medicina) - Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Passo Fundo.

Aluno: Bruna Geovana Souza Belli

POLETTINI, J.; PORTELA, S. N.. Concordância histológica e citológica em pacientes submetidas à conização do colo do útero. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em medicina) - Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Passo Fundo.

Aluno: Juliana Grasiele dos Santos

POLETTINI, J.; GIRARDI, F. A.. Perfil clínico e microbiológico de infecções tratadas com vancomicina. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em medicina) - Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Passo Fundo.

Aluno: Mônica Palos Barile

ACRANI, G. O.; BIFFI, M.;POLETTINI, JOSSIMARA. Relação entre o exame citopatológico, a infecção pelo papilomavirus humano e neoplasias do colo do útero. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em medicina) - Universidade Federal da Fronteira Sul.

Aluno: Camilla Carmem Teixeira

SILVEIRA, D. A.;POLETTINI, JOSSIMARA; RIZZI, A. F.. Aberrações cromossômicas: levantamento de casos em laboratório de citogenética. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em medicina) - Universidade Federal da Fronteira Sul.

Aluno: Fabiano Pereira Rufino

POLETTINI, J.; MORCELI, G.. Peso do recém-nascido: influência da idade materna nos extremos da vida reprodutiva. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Enfermagem) - Universidade do Oeste Paulista.

Aluno: Bruna Rafaela dos Santos Silva

KELLER, R.; BREMER NETO, H.;POLETTINI, J.. Avaliação da microbiota intestinal de ratos submetidos ao fumo passivo suplementados com prebióticos. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Biomedicina) - Universidade do Oeste Paulista.

Aluno: Carla Adriana dos Santos/ Juliana Lourenço Avelino

ELLER, L. K. W.; CARVALHO, T. B.;POLETTINI, J.. Avaliação da qualidade higiênico-sanitária e caracterização preliminar da atividade antimicrobiana de bactérias láticas isoladas em suco de laranja "in natura". 2017 - Universidade do Oeste Paulista.

Aluno: Mariana Durski

MARCONI, C.POLETTINI, J.. Métodos microscópicos para determinação das alterações de microbiota vaginal. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Biomedicina) - Universidade Federal do Paraná.

Aluno: Anderson Ricardo Peres de Brito

LORDELO, E. P.; CARVALHO, T. B.;POLETTINI, J.. Perfil socioeconomico e conhecimento sobre Leishmaniose Visceral Americana de pacientes tratados pela doença na região do Oeste Paulista. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Biomedicina) - Universidade do Oeste Paulista.

Aluno: Patricia Terasaca e Camila Amaral Oliveira

CARVALHO, T. B.; RIBEIRO, R. M. P.;POLETTINI, Jossimara. Cultivo axênico de cepas de Trypanossoma cruzi em meio "Liver Infusion Tryptose". 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Biomedicina) - Universidade do Oeste Paulista.

POLETTINI, JOSSIMARA. XI Jornada de Iniciação Científica e Tecnológica. 2021. Universidade Federal da Fronteira Sul.

ACRANI, G. O.; LINDEMANN, I. L.;POLETTINI, JOSSIMARA. IX SEPE - Seminário de Ensino, Pesquisa e Extensão. 2019. Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Passo Fundo.

POLETTINI, J.; CAMPAROTO, M. L.. 6o Prêmio Científio Unoeste. 2017. Universidade do Oeste Paulista.

CAMPAROTO, M. L.;POLETTINI, J.. 5o Prêmio Científico Unoeste. 2016. Universidade do Oeste Paulista.

POLETTINI, J.. Apresentação Poster - IX Encontro de Pós-Graduação. 2016. Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

POLETTINI, J.. 4o Prêmio Científico Unoeste. 2015. Universidade do Oeste Paulista.

POLETTINI, Jossimara. XXVI Congresso de Iniciação Científica da Unesp. 2014. Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

POLETTINI, J.. Semana Acadêmica 2014 da Faculdade Sudoeste Paulista. 2014. Faculdade Sudoeste Paulista.

POLETTINI, Jossimara. XX Congresso de Iniciação Científica da Unesp. 2008. Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

SILVA, M. G.; FECCHIO, D.; VIERO, R. M.; SOARES, A. M. V. C.;POLETTINI, Jossimara. Exame de Seleção do Programa de Pós-Graduação em Patologia. 2007. Faculdade de Medicina de Botucatu.

POLETTINI, Jossimara; Alunos da PG da UNESP. XIX Congresso de Iniciação Científica. 2007. Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Comissão julgadora das bancas

JOAO MANUEL GRISI CANDEIAS

CANDEIAS, J. M. G.ARAÚJO JÚNIOR, João PessoaSILVA, Marcia Guimarães da. Estimativa da prevalência de genótipos de papilomavírus humano em pacientes portadores de verrugas genitais: correlação clínico-histopatológica. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Luciane Alarcão Dias-Melicio

SILVA, M.G.;DIAS-MELICIO, Luciane AlarcãoKUROKAWA, Cilmery Suemi; MATTAR, Rosiane; CAMARGO, R. P. S.. Rotura prematura de membranas pré-termo e corioamnionite histológica: aspectos da resposta imune inata e de repercussões no período neonatal. 2011. Tese (Doutorado em Patologia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Luciane Alarcão Dias-Melicio

SILVA, M.G.; Rall, V.L.M.; Gomes, C.P.;DIAS-MELICIO, Luciane Alarcão; Alcântara, T.M.. Estudo in vitro de infecção das membranas corioamnióticas com espécies bacterianas isoladas do trato genital inferior e modulação da resposta imune inata na interface materno-fetal. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Patologia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Marcia Guimarães da Silva

SILVA, Márcia Guimarães daPERAÇOLI, Maria Terezinha Serrão; SIMÕES, José Antonio. Análise quantitativa da expressão de citocinas inflamatórias em membranas corioamnióticas de gestantes com rotura prematura de membranas. 2007. Dissertação (Mestrado em Patologia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Marcia Guimarães da Silva

SILVA, Márcia Guimarães daARAÚJO JÚNIOR, João PessoaCANDEIAS, João Manuel Grisi. Análise quantitativa da expressão de citocinas inflamatórias em membranas corioamnióticas de gestantes com rotura prematura de membranas pré-termo (Exame de Qualificação de Mestrado). 2006. Dissertação (Mestrado em Patologia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Mariangela Esther Alencar Marques

SILVA, M. G.CANDEIAS, J. M. G.; ARAUJO JUNIOR, J. P.;MARQUES, M. E. A.; FECCHIO, D.. Análise quantitativa da expressão de citocinas inflamatórias em membranas carioamnióticas de gestantes com rotura prematura de membranas pré-termo. 2006. Dissertação (Mestrado em Patologia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Maria Terezinha Serrão Peraçoli

SILVA, M. G.; Simões , J. A.;PERAÇOLI, M. T. S.. Análise quantitativa da expressão de citocinas inflamatórias em membranas corioamnioticas de gestantes com rotura prematura de membranas pré-termo. 2007. Dissertação (Mestrado em Patologia) - Universidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho.

Orientou

Dreissi Belle

fatores associados com a qualidade de vida relacionada à saúde após a alta hospitalar de pacientes que foram internados em Unidade de Terapia Intensiva devido a complicações causadas pelo COVID-19; Início: 2021; Dissertação (Mestrado profissional em Ciencias biomedicas) - Universidade Federal da Fronteira Sul; (Orientador);

Geovanna Cristofani Cursino

Influência da idade materna na caracterização de células amnióticas epiteliais de uso terapêutico; Início: 2020; Dissertação (Mestrado em Patologia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; (Coorientador);

Marcelo Zvir de Oliveira

Processamento de amostras fixadas em formalina e preservadas em parafina para uso diagnóstico e caracterização de doenças através de biologia molecular; Início: 2020; Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Ciências Biomédicas) - Universidade Federal da Fronteira Sul; (Orientador);

Giovana Fernanda Cosi Bento

Infecção polibacteriana das membranas corioamnióticas in vitro: interação microbiana, resposta inflamatória/oxidativa e senescência celular; Início: 2020; Tese (Doutorado em Patologia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; (Coorientador);

MARIANA DE CASTRO SILVA

Cinética da resposta imune inata na infecção das membranas corioamnióticas por micoplasmas genitais combinados a diferentes espécies bacterianas associadas ao parto pré-termo na presença de Lactobacillos spp; : estudo in vitro; Início: 2019; Tese (Doutorado em Patologia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; (Coorientador);

Camila Santos Rocha

(Coorientação) Prevalência de Candida spp; em amostras de conteúdo vaginal de mulheres atendidas no sistema único de saúde (SUS); Início: 2021; Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em medicina) - Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Passo Fundo; (Orientador);

Brenda Silva Macario

(coorientação) Caracterização epidemiológica de idosos com doença renal crônica usuários da atenção primária à saúde; Início: 2021; Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em medicina) - Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Passo Fundo; (Orientador);

Dimitry Gabriel Kelim

Sinais e sintomas autorreferidos de pacientes com síndrome respiratória aguda grave: relação com o agente etiológico viral; Início: 2021; Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em medicina) - Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Passo Fundo; (Orientador);

Luigi Wolkmer Spagnol

Metilação do gene p16 na oncogênese e progressão de carcinomas gástricos: revisão sistemática; Início: 2021; Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em medicina) - Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Passo Fundo; (Orientador);

HIGOR VAZ DE OLIVEIRA

(coorientação) Síndrome Respiratória aguda grave (SRAG) em Passo Fundo - RS: Prevalência de vírus e fatores associados; ; Início: 2021; Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em medicina) - Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Passo Fundo; (Orientador);

Letícia Lima Miranda

Prevalência de Mycoplasma hominis em amostras de conteúdo cérvico-vaginal de mulheres atendidas no SUS; ; Início: 2021; Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em medicina) - Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Passo Fundo; (Orientador);

Beatriz de Albuquerque Bernardi

Síndrome respiratória aguda grave (SRAG) em pacientes adultos sintomáticos: prevalência dos vírus respiratórios e de Covid-19; Início: 2021; Iniciação científica (Graduando em medicina) - Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Passo Fundo, Universidade Federal da Fronteira Sul; (Orientador);

Patricia Marcolin

Síndrome Respiratória Aguda Grave por SARS-CoV-2 em crianças e adolescentes: prevalência das variantes virais P; 1, B; 1; 1; 7 e B; 1; 351; Início: 2021; Iniciação científica (Graduando em medicina) - Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Passo Fundo, Universidade Federal da Fronteira Sul; (Orientador);

Anna Paula Monteiro de Souza

Saúde ginecológica e itinerário terapêutico em idosas usuárias da Atenção Primária à Saúde; Início: 2021; Iniciação científica (Graduando em medicina) - Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Passo Fundo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul; (Orientador);

Giovana Fernanda Cosi Bento

Estudo in vitro de infecção polibacteriana das membranas corioamnióticas: modulação da resposta imune na interface materno-fetal; 2020; Dissertação (Mestrado em Patologia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Coorientador: Jossimara Polettini;

Denise Vasconcelos de Jesus Ferrari

Impacto da idade materna na composição de gorduras e imunológica do colostro de nutrizes em maternidade do interior do Estado de São Paulo; 2019; Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Universidade do Oeste Paulista,; Coorientador: Jossimara Polettini;

Luciana Vasconcelos De Jesus Souza

Citocinas inflamatórias no soro materno e lavado vaginal em gestações de Alto Risco e relação com resultados obstétricos; 2019; Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Universidade do Oeste Paulista,; Coorientador: Jossimara Polettini;

Laura Fernandes Martin

Inflamação, estresse oxidativo e atividade antioxidante em membranas fetais de gestações complicadas por parto pré-termo espontâneo; 2018; Tese (Doutorado em Patologia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Coorientador: Jossimara Polettini;

Nathalia Mayumi Noda

Estudo in vitro de infecção das membranas corioamnióticas com espécies bacterianas não cultiváveis do trato genital inferior; 2017; Tese (Doutorado em Patologia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Coorientador: Jossimara Polettini;

[Nome removido após solicitação do usuário]

Saúde como tema transversal: papel do professor no desenvolvimento do pensamento crítico do aluno; ; 2012; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em ESPECIALIZAÇÃO LATO SENSU em Formação Pedagógica p) - Centro Universitário Ingá; Orientador: Jossimara Polettini;

Darlise Emanuele Rolim

(Coorientação) Alterações anatomopatológicas da placenta e relação com desfechos gestacionais; 2021; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em medicina) - Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Passo Fundo; Orientador: Jossimara Polettini;

Luis Filipe Bortolotto Ugalde

(Coorientação) Associação da positividade de HPV e proteína p16 em amostras de carcinoma de células escamosas de cabeça e pescoço; 2021; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em medicina) - Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Passo Fundo; Orientador: Jossimara Polettini;

João Lucas Pereira do Couto Rocha

(Coorientação) Panorama das intoxicações agudas por agrodefensivos no Rio Grande do Sul de 2005 a 2017; 2021; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em medicina) - Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Passo Fundo; Orientador: Jossimara Polettini;

SERGIO KOJI MIYANO FILHO

(Coorientação) Neoplasias malignas primárias e metastáticas intraoculares; 2021; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em medicina) - Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Passo Fundo; Orientador: Jossimara Polettini;

Luisa Schneider Rigon

(Coorientação) Neoplasias malignas primárias de tireoide e lesões benignas associadas; 2021; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em medicina) - Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Passo Fundo; Orientador: Jossimara Polettini;

Stefano Henrique Eberhart Silva Pinto

(Coorientação) Perfil epidemiológico de pacientes com esôfago de Barrett em um serviço de patologia de Passo Fundo-RS; 2021; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em medicina) - Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Passo Fundo; Orientador: Jossimara Polettini;

Krisla da Rosa Martins

Perfil clínico e epidemiológico de recém-nascidos atendidos em um serviço de emergência na região norte do Rio Grande do Sul; 2021; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em medicina) - Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Passo Fundo; Orientador: Jossimara Polettini;

Taila Tais Floss

(Coorientação) Avaliação de dor pélvica em pacientes submetidas a tratamento cirúrgico de endometriose; 2021; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em medicina) - Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Passo Fundo; Orientador: Jossimara Polettini;

Giovana Bonessoni Felizari

Caracterização epidemiológica e clínica de crianças e adolescentes com leucemia linfoblástica aguda; 2020; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em medicina) - Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Passo Fundo; Orientador: Jossimara Polettini;

Lucas Nunes Trindade

(Coorientação) Perfil epidemiológico de pacientes com câncer de esôfago atendidos em um hospital terciário; 2020; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em medicina) - Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Passo Fundo; Orientador: Jossimara Polettini;

JESSICA PASQUALI KASPERAVICIUS

(Coorientação) Prevalência de hipotireoidismo e de hipertireoidismo e fatores associados; 2020; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em medicina) - Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Passo Fundo; Orientador: Jossimara Polettini;

Roberta Klering

(Coorientação) Pesquisa de papiloma vírus humano (HPV) em tecidos placentários; 2020; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em medicina) - Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Passo Fundo; Orientador: Jossimara Polettini;

Patricia Marcolin

(Coorientação) Detecção de colonização por Helicobacter pylori em cavidade oral por técnica de reação em cadeia da polimerase; 2020; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em medicina) - Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Passo Fundo; Orientador: Jossimara Polettini;

Eduarda Vendrame

(Coorientação) Análise imunoistoquímica e sérica de marcadores tumorais em carcinomas pancreáticos; 2020; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em medicina) - Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Passo Fundo; Orientador: Jossimara Polettini;

LUIGI MARCOS BIGOLIN

(Coorientação) Análise imunoistoquímica em carcinomas de células renais Estudo da proteína PD-L1; 2020; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em medicina) - Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Passo Fundo; Orientador: Jossimara Polettini;

Jéssica Klein

(coorientação) Detecção de ureaplasma Ureaplasma urealyticum e mycoplasma Mycoplasma hominis por reação em cadeia de polimerase em exame citopatológico / meio líquido; 2019; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em medicina) - Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Passo Fundo; Orientador: Jossimara Polettini;

Ellen Adriani Lopes de Oliveira

(Coorientação) Prevalência de Papiloma Vírus Humano por PCR em tempo real em citologia ginecológica e lesões celulares associadas; 2019; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em medicina) - Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Passo Fundo; Orientador: Jossimara Polettini;

Camila Cauana Melluzzi de Araujo

Relação entre níveis séricos e vaginal de Interleucina-6 e resultados obstétricos em gestações de Alto Risco; 2018; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Biomedicina) - Universidade do Oeste Paulista; Orientador: Jossimara Polettini;

Caroline de Morais Ribeiro / Nathalia Cordeiro da Silva

Alterações de microbiota vaginal de gestantesa atendidas em ambulatório de alto risco do interior do estado de São Paulo; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Biomedicina) - Universidade do Oeste Paulista; Orientador: Jossimara Polettini;

Jéssica Caroline Lopes Munhoz

Detecção de HPV em condiloma acuminado de mulheres em idade reprodutiva: estudo retrospectivo; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Biomedicina) - Universidade do Oeste Paulista; Orientador: Jossimara Polettini;

Amanda Aparecida de Aguiar

Detecção de HPV em lesões genitais sugestivas de infecção em homens: revisão de literatura; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Biomedicina) - Universidade do Oeste Paulista; Orientador: Jossimara Polettini;

Isabela Fiorentino de Souza

Telômeros e telomerase em tecidos gestacionais na prematuridade: uma revisão de literatura; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Biomedicina) - Universidade do Oeste Paulista; Orientador: Jossimara Polettini;

Rafaela Camelo

Pesquisa de Micoplasma e Ureaplasma em tecidos placentários; 2021; Iniciação Científica; (Graduando em medicina) - Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Passo Fundo, Universidade Federal da Fronteira Sul; Orientador: Jossimara Polettini;

Gabriel Rodiguero

Prevalência de papiloma vírus humano (HPV) em tecidos placentários e relação com prematuridade; 2020; Iniciação Científica; (Graduando em medicina) - Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Passo Fundo, Universidade Federal da Fronteira Sul; Orientador: Jossimara Polettini;

MARIA EDUARDA LÊMES MORA

Prevalência de Chlamydia trachomatis em mulheres atendidas pelo sistema único de saúde (SUS); 2020; Iniciação Científica; (Graduando em medicina) - Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Passo Fundo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul; Orientador: Jossimara Polettini;

ISABELA DA SILVA

Prevalência de corioamnionite histológica em gestações de segundo trimestre: estudo retrospectivo de 10 anos; 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Biomedicina) - Universidade do Oeste Paulista; Orientador: Jossimara Polettini;

Isabella Fernanda Silva Brandão

Detecção e genotipagem de HPV em condiloma acuminado de mulheres em idade reprodutiva: estudo retrospectivo; 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Biomedicina) - Universidade do Oeste Paulista, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Jossimara Polettini;

Andreza Reis Batista Costa

Resultados obstétricos de gestações com prematuridade espontânea complicadas por corioamnionite histológica; 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Biomedicina) - Universidade do Oeste Paulista; Orientador: Jossimara Polettini;

Brunna Nepomuceno Bolatto

Expressão de marcadores de senescência em membranas corioamnióticas; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Biomedicina) - Universidade do Oeste Paulista, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Orientador: Jossimara Polettini;

João Lucas Pereira do Couto Rocha

Vivência musical e melhoria no convívio universitário coletivo; 2019; Orientação de outra natureza; (medicina) - Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Passo Fundo, Universidade Federal da Fronteira Sul; Orientador: Jossimara Polettini;

Foi orientado por

Marcia Guimarães da Silva

Análise quantitativa da expressão de citocinas inflamatórias em membranas corioamnióticas de gestantes com rotura prematura de membranas pré-termo; 2007; Dissertação (Mestrado em Patologia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Márcia Guimarães da Silva;

Marcia Guimarães da Silva

Rotura Prematura de Membranas Pré-Termo e corioamnionite histológica: aspectos da resposta imune inata e de repercussões no período neonatal; 2011; Tese (Doutorado em Patologia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Márcia Guimarães da Silva;

Marcia Guimarães da Silva

Pesquisa de citocinas em membranas corioamnióticas de gestantes com rotura prematura de membranas pré-termo: correlação entre expressão e intensidade do infiltrado inflamatório; 2004; 50 f; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências Biológicas - Modalidade Médica) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Orientador: Márcia Guimarães da Silva;

Marcia Guimarães da Silva

Estimativa da prevalência de genótipos de Papilomavírus Humano em pacientes portadores de verrugas genitais: correlação clínico-histopatológica; 2004; 37 f; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências Biológicas - Modalidade Médica) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho; Orientador: Márcia Guimarães da Silva;

Produções bibliográficas

  • NODA, NATHALIA ; TANTENGCO, O. A. ; POLETTINI, JOSSIMARA ; SILVA, MARIANA DE CASTRO ; BENTO, G. F. C. ; CURSINO, G. C. ; MARCONI, C. ; LAMONT, RONALD F. ; TAYLOR, BRANDIE D. ; SILVA, M. G. ; JUPITER, D. ; MENON, R. . Genital Mycoplasmas and Biomarkers of Inflammation and Their Association with Spontaneous Preterm Birth and Prelabor Rupture of Membranes: A Systematic Review and Meta-Analysis. Frontiers in Microbiology , v. II, p. 1-1, 2022.

  • MAFRA, TASSO KFURI ARAÚJO ; KASPERAVICIUS, JÉSSICA PASQUALI ; FRANCESCHETTO, LUAN SILVA ; CARVALHO, LUCIMAR MARIA FOSSATI DE ; GLUSCZAK, LISSANDRA ; KUNZ, REGINA INÊS ; Polettini, Jossimara ; SILVA, SHANA GINAR DA ; ACRANI, GUSTAVO OLSZANSKI ; LINDEMANN, IVANA LORAINE . Hábito de pesquisar sobre saúde na internet entre idosos atendidos na Atenção Primária à Saúde: prevalência e fatores associados. REVISTA ELETRÔNICA ACERVO EM SAÚDE , v. 13, p. e8877, 2021.

  • NODA-NICOLAU, NATHALIA MAYUMI ; SILVA, MARIANA DE CASTRO ; BENTO, GIOVANA FERNANDA COSI ; FERREIRA, JENIFFER SENA BAPTISTA ; NOVAK, JULIANO ; MORALES, JÚLIA ANDRADE PESSOA ; TRONCO, JÚLIA ABBADE ; BOLPETTI, ALINE NASCIMENTO ; PINTO, GABRIEL VITOR SILVA ; Polettini, Jossimara ; MARCONI, CAMILA ; SILVA, MÁRCIA GUIMARÃES DA . Cervicovaginal levels of human beta defensins during bacterial vaginosis. PLoS One , v. 16, p. e0260753, 2021.

  • FERRARI, D. V. J. ; POLETTINI, JOSSIMARA ; MORAES, L. L. ; CAMPOS, L. A. ; DA SILVA, MÁRCIA G. ; SAEKI, ERIKA KUSHIKAWA ; MORCELI, GLILCIANE . Profile of pro-inflammatory cytokines in colostrum of nursing mothers at the extremes of reproductive age. PLoS One , v. 15, p. e0231882, 2020.

  • Polettini, Jossimara ; DA SILVA, MARCIA GUIMARÃES . Telomere-Related Disorders in Fetal Membranes Associated With Birth and Adverse Pregnancy Outcomes. Frontiers in Physiology , v. 11, p. 561771, 2020.

  • Menon, Ramkumar ; BEHNIA, FARANAK ; Polettini, Jossimara ; RICHARDSON, LAUREN S. . Novel pathways of inflammation in human fetal membranes associated with preterm birth and preterm pre-labor rupture of the membranes. Seminars in Immunopathology , v. 42, p. 431-450, 2020.

  • COLATTO, BRUNNA NEPOMUCENO ; DE SOUZA, ISABELA FIORENTINO ; SCHINKE, LAURA APARECIDA ANTONIO ; NODA-NICOLAU, NATHALIA MAYUMI ; DA SILVA, MARCIA GUIMARÃES ; MORCELI, GLILCIANE ; Menon, Ramkumar ; Polettini, Jossimara . Telomere Length and Telomerase Activity in Foetal Membranes from Term and Spontaneous Preterm Births. Reproductive Sciences , v. 27, p. 411-417, 2020.

  • SAEKI, ERIKA KUSHIKAWA ; CAMPOS, LETÍCIA DE AGUIAR ; MORCELI, GLILCIANE ; Polettini, Jossimara ; MORAES, LUCAS LIMA DE ; FERRARI, DENISE VASCONCELOS DE JESUS . Impacto da idade materna na acidez do colostro de nutrizes em maternidade do interior do Estado de São Paulo. Journal of Human Growth and Development (Online) , v. 29, p. 153-160, 2019.

  • BATISTA, ISABELA ROTTA ; PRATES, AMANDA CAROLINE LIMA ; SANTOS, BRUNA DE SOUZA ; ARAÚJO, JOSIMARA CRISTINA CARVALHO ; BONFIM, YAN CHRISTIAN DE OLIVEIRA ; PIMENTA RODRIGUES, MARCUS VINÍCIUS ; MORCELI, GLILCIANE ; Polettini, Jossimara ; CAVALLERI, ANDRESSA CORTES ; WINKELSTROTER, LIZZIANE KRETLI ; PEREIRA, VALÉRIA CATANELI . Determination of antimicrobial susceptibility and biofilm production in Staphylococcus aureus isolated from white coats of health university students. Annals of Clinical Microbiology and Antimicrobials , v. 18, p. 37, 2019.

  • Polettini, Jossimara ; RICHARDSON, LAUREN S. ; Menon, Ramkumar . Oxidative stress induces senescence and sterile inflammation in murine amniotic cavity. PLACENTA , v. 63, p. 26-31, 2018.

  • Nicolau, N. M. N. ; POLETTINI, J. ; SILVA, MÁRCIA G ; PELTIER, MORGAN R. ; MENON, R. . Polybacterial stimulation suggests discrete IL-6/IL-6R signaling in human fetal membranes: Potential implications on IL-6 bioactivity. JOURNAL OF REPRODUCTIVE IMMUNOLOGY , v. 126, p. 60-68, 2018.

  • LEAO-BUCHIR, J. ; PEREIRA, G. V. M. ; SILVA, A. L. L. ; ALBAN, S. ; ROCHA, M. C. ; POLETTINI, J. ; SOCCOL, V. T. ; SOCCOL, C. R. . Real-time PCR for traceability and quantification of genetically modified seeds in lots of non-transgenic soybean. Bioscience Journal (UFU) , v. 31, p. 34-41-41, 2018.

  • STALBERG, C. ; Nicolau, N. M. N. ; POLETTINI, J. ; JACOBSSON, B. ; MENON, R. . Anti-inflammatory Elafin in human fetal membranes. JOURNAL OF PERINATAL MEDICINE , v. 45, p. 237-244, 2017.

  • Nicolau, N. M. N. ; BASTOS, L. B. ; PINTO, G. V. S. ; MARCOLINO, LARISSA D. ; MARCONI, C. ; FERREIRA, C. S. T. ; POLETTINI, J. ; VIEIRA, E. P. ; SILVA, M.G. . Cervicovaginal Levels of Human -Defensin 1, 2, 3, and 4 of Reproductive-Aged Women With Chlamydia trachomatis Infection. Journal of Lower Genital Tract Disease , v. 21, p. 189-192, 2017.

  • MARTIN, LAURA FERNANDES ; MOÇO, NATÁLIA PREARO ; DE LIMA, MOISÉS DIÔGO ; Polettini, Jossimara ; MIOT, HÉLIO AMANTE ; CORRÊA, CAMILA RENATA ; Menon, Ramkumar ; DA SILVA, MÁRCIA GUIMARÃES . Histologic chorioamnionitis does not modulate the oxidative stress and antioxidant status in pregnancies complicated by spontaneous preterm delivery. BMC Pregnancy and Childbirth , v. 17, p. 376, 2017.

  • NODA-NICOLAU, NATHÁLIA MAYUMI ; Polettini, Jossimara ; MARCONI, CAMILA ; PERAÇOLI, JOSÉ CARLOS ; MIOT, HÉLIO AMANTE ; DA SILVA, MÁRCIA GUIMARÃES . Human Beta Defensins 1, 2 and 3 Produced by Amniochorion Membranes Is Similar in Term and Preterm Delivery. OPEN JOURNAL OF OBSTETRICS AND GYNECOLOGY , v. 07, p. 846-857, 2017.

  • STALBERG, CECILIA ; NODA, NATHALIA ; Polettini, Jossimara ; JACOBSON, BO ; Menon, Ramkumar . Pigment Epithelial-Derived Factor in Human Fetal Membranes.. Journal of Maternal-Fetal and Neonatal Medicine , v. 15, p. 1-19, 2017.

  • MENON, R. ; BEHNIA, FARANAK ; POLETTINI, J. ; CAMPISI, J. ; SAADE, G. R. ; VELARDE, M. . Placental Membrane Aging and HMGB1 Signaling Associated with Human Parturition. Aging (Albany) , v. 8, p. 216-230, 2016.

  • NODA-NICOLAU, NATHALIA MAYUMI ; Polettini, Jossimara ; PELTIER, MORGAN R. ; DA SILVA, MÁRCIA GUIMARÃES ; Menon, Ramkumar . Combinations and loads of bacteria affect the cytokine production by fetal membranes: An in vitro study. American Journal of Reproductive Immunology (Print) , v. 76, p. 504-511, 2016.

  • Polettini, Jossimara ; COBO, TERESA ; KACEROVSKY, MARIAN ; VINTURACHE, ANGELA E. ; LAUDANSKI, PIOTR ; PEELEN, MYRTHE J.C.S. ; HELMER, HANNS ; LAMONT, RONALD F. ; TAKEDA, JUN ; LAPOINTE, JEROME ; TORLONI, MARIA REGINA ; ZHONG, NANBERT ; Menon, Ramkumar . Biomarkers of spontaneous preterm birth: a systematic review of studies using multiplex analysis. Journal of Perinatal Medicine , v. 45, p. 71-84, 2016.

  • POLETTINI, Jossimara ; KACEROVSKY, M. ; SYED, T. A. ; SAADE, G. R. ; MENON, R. . Screening of lysyl oxidase (LOX) and lysyl oxidase like (LOXL) enzyme expression and activity in preterm prelabor rupture of fetal membranes. Journal of Perinatal Medicine , v. 0, p. 1, 2015.

  • MARCONI, CAMILA ; DUARTE, M. TERESINHA CASSAMASSIMO ; SILVA, MÁRCIA GUIMARÃES DA ; MARCOLINO, LARISSA DODDI ; Polettini, Jossimara ; GONÇALVES, ANA PAULA ; DIAS, ADRIANO ; RUDGE, MARILZA VIEIRA CUNHA . Trichomonas vaginalis and Chlamydia trachomatis Prevalence, Incidence and Associated Factors in Pregnant Adolescents from Belém City, in the Brazilian Amazon. Open Journal of Obstetrics and Gynecology , v. 05, p. 677-687, 2015.

  • Polettini, Jossimara ; BEHNIA, FARANAK ; TAYLOR, BRANDIE D. ; SAADE, GEORGE R. ; TAYLOR, ROBERT N. ; Menon, Ramkumar . Telomere Fragment Induced Amnion Cell Senescence: A Contributor to Parturition?. Plos One , v. 10, p. e0137188, 2015.

  • POLETTINI, J. ; DUTTA, E.H. ; BEHNIA, F. ; SAADE, G.R. ; TORLONI, M.R. ; MENON, R. . Aging of intrauterine tissues in spontaneous preterm birth and preterm premature rupture of the membranes: A systematic review of the literature. Placenta (Eastbourne) , v. 36, p. 969-973, 2015.

  • MOÇO, NATÁLIA PREARO ; MARTIN, LAURA FERNANDES ; Polettini, Jossimara ; PEREIRA, ANA CAROLINA ; PERAÇOLI, JOSÉ CARLOS ; SILVA, MÁRCIA GUIMARÃES DA . Expression of Toll-Like Receptor-2 and -4 in Amniochorion Membranes of Preterm Delivery in the Presence of Histologic Chorioamnionitis. Open Journal of Obstetrics and Gynecology , v. 04, p. 857-863, 2014.

  • POLETTINI, J. ; SILVA, M.G. ; KACEROVSKY, M. ; SYED, T.A. ; SAADE, G. ; MENON, R. . Expression Profiles of Fetal Membrane Nicotinamide Adenine Dinucleotide Phosphate Oxidases (NOX) 2 and 3 Differentiates Spontaneous Preterm Birth and pPROM Pathophysiologies. Placenta (Eastbourne) , v. 35, p. 188-194, 2014.

  • Menon, Ramkumar ; Polettini, Jossimara ; SYED, TARIQ ALI ; SAADE, GEORGE R. ; BOLDOGH, ISTVAN . Expression of 8-oxoguanine Glycosylase in Human Fetal Membranes. American Journal of Reproductive Immunology (Print) , v. 72, p. n/a-n/a, 2014.

  • Menon, Ramkumar ; BOLDOGH, ISTVAN ; HAWKINS, HAL K. ; WOODSON, MICHAEL ; Polettini, Jossimara ; SYED, TARIQ ALI ; FORTUNATO, STEPHEN J. ; SAADE, GEORGE R. ; PAPACONSTANTINOU, JOHN ; TAYLOR, ROBERT N. . Histological Evidence of Oxidative Stress and Premature Senescence in Preterm Premature Rupture of the Human Fetal Membranes Recapitulated inVitro. The American Journal of Pathology (Print) , v. 184, p. 1740-1751, 2014.

  • MENON, R. ; BOLDOGH, I. ; URRABAZ-GARZA, R. ; POLETTINI, JOSSIMARA ; SYED, T. A. ; SAADE, G. R. ; PAPACONSTANTINOU, J. ; TAYLOR, R. N. . Senescence of Primary Amniotic Cells via Oxidative DNA Damage. Plos One , v. 8, p. e83416, 2013.

  • MOÇO, NATÁLIA P. ; MARTIN, LAURA F. ; PEREIRA, ANA CAROLINA ; Polettini, Jossimara ; PERAÇOLI, JOSÉ C. ; COELHO, KUNIE I.R. ; DA SILVA, MÁRCIA G. . Gene expression and protein localization of TLR-1, -2, -4 and -6 in amniochorion membranes of pregnancies complicated by histologic chorioamnionitis. European Journal of Obstetrics, Gynecology, and Reproductive Biology , v. 171, p. 12-17, 2013.

  • FURTADO, KELLY S. ; Polletini, Jossimara ; DIAS, MARCOS C. ; RODRIGUES, MARIA A.M. ; BARBISAN, LUIS F. . Prevention of rat liver fibrosis and carcinogenesis by coffee and caffeine. FOOD AND CHEMICAL TOXICOLOGY , v. 64, p. 20-26, 2013.

  • POLETTINI, Jossimara ; VIEIRA, E. P. ; SANTOS, M. P. ; PERAÇOLI, J. C. ; WITKIN, S. S. ; SILVA, M. G. . Interleukin 18 messenger RNA and proIL-18 protein expression in chorioamniotic membranes from pregnant women with preterm prelabor rupture of membranes. European Journal of Obstetrics, Gynecology, and Reproductive Biology , v. 161, p. 134-139, 2012.

  • POLETTINI, Jossimara ; TAKITANE, J. ; PERAÇOLI, J. C. ; SILVA, M. G. . Expression of defensins 1, 3 and 4 in chorioamniotic membranes of preterm pregnancies complicated by chorioamnionitis. European Journal of Obstetrics, Gynecology, and Reproductive Biology , v. 157, p. 150-155, 2011.

  • CEZARIO, G. A. G. ; OLIVEIRA, L. R. C. ; PERESI, E. ; NICOLETE, V. C. ; POLETTINI, Jossimara ; LIMA, C. R. G. ; GATTO, M. ; CALVI, S. A. . Analysis of the expression of Toll-Like Receptors 2 and 4 and cytokine profile during Leishmania chagasi experimental infection. Memórias do Instituto Oswaldo Cruz (Online) , v. 106, p. 573-583, 2011.

  • GONDO, FAUSTO ; DA SILVA, MÁRCIA G. ; Polettini, Jossimara ; TRISTAO, ANDRÉA DA R. ; PERACOLI, JOSÉ C. ; WITKIN, STEVEN S. ; RUDGE, MARILZA V.C. . Vaginal Flora Alterations and Clinical Symptoms in Low-Risk Pregnant Women. Gynecologic and Obstetric Investigation , v. 71, p. 158-162, 2011.

  • RAMOS, BRUNA R. ; Polettini, Jossimara ; MARCOLINO, LARISSA D. ; VIEIRA, ELIANE P. ; MARQUES, MARIANGELA A. ; TRISTÃO, ANDRÉA R. ; NUNES, HÉLIO R. ; RUDGE, MARILZA V. ; SILVA, MÁRCIA GUIMARÃES . Prevalence and Risk Factors of Chlamydia trachomatis Cervicitis in Pregnant Women at the Genital Tract Infection in Obstetrics Unit Care at Botucatu Medical School, São Paulo State University - UNESP, Brazil. Journal of Lower Genital Tract Disease , v. 15, p. 20-24, 2011.

  • MIOT, LUCIANE D ; MIOT, HÉLIO A ; Polettini, Jossimara ; SILVA, MÁRCIA G ; MARQUES, MARIÂNGELA E . Morphologic Changes and the Expression of Alpha-Melanocyte Stimulating Hormone and Melanocortin-1 Receptor in Melasma Lesions: A Comparative Study. The American Journal of Dermatopathology (Print) , v. 32, p. 676-682, 2010.

  • POLETTINI, Jossimara ; PERAÇOLI, J. C. ; CANDEIAS, J. M. G. ; ARAUJO JUNIOR, J. P. ; SILVA, M. G. . Inflammatory cytokine mRNA detection by real time PCR in chorioamniotic membranes from pregnant women with preterm premature rupture of membranes. European Journal of Obstetrics, Gynecology, and Reproductive Biology , v. 144, p. 27-31, 2009.

  • MARCOLINO, L. D. ; POLETTINI, Jossimara ; TRISTÃO, A. R. ; MARQUES, M. E. A. ; CANDEIAS, J. M. G. ; VELA, R. A. R. ; SILVA, M. G. . Coinfecção de Chlamydia trachomatis e HPV em mulheres com condiloma acuminado. DST. Jornal Brasileiro de Doencas Sexualmente Transmissiveis , v. 20, p. 87-92, 2008.

  • VELA, R. A. R. ; POLETTINI, Jossimara ; MARQUES, M. E. A. ; STOLF, H. O. ; CANDEIAS, J. M. G. ; SILVA, M. G. ; COSTA, A. L. B. ; MATSUO, C. Y. ; MIOT, H. A. . Detecção e genotipagem de papilomavírus humano em lesões de queratoacantoma solitário de pacientes imunocompetentes.. Anais Brasileiros de Dermatologia (Impresso) , v. 82, p. 35-40, 2007.

  • MORAES, LUCAS LIMA DE ; Polettini, Jossimara ; Baquião, Larissa Sales Martins ; Silva, Monise Martins da ; Ribeiro, Maria Inês Lemos Coelho ; MORCELI, GLILCIANE . IMPACTO DA IDADE MATERNA NOS DESFECHOS GESTACIONAIS E PERINATAIS EM MATERNIDADE DO INTERIOR DO ESTADO DE SÃO PAULO. In: Luis Henrique Almeida Castro; Thiago Teixeira Pereira; Silvia Aparecida Oesterreich. (Org.). Ciências da Saúde: Campo Promissor em Pesquisa 5. 1ed.Ponta Grossa: Atena Editora, 2020, v. , p. 67-77.

  • Pereira, Camilla Manhana dos Santos ; Polettini, Jossimara ; MORAES, LUCAS LIMA DE ; Baquião, Larissa Sales Martins ; Silva, Monise Martins da ; Ribeiro, Maria Inês Lemos Coelho ; MORCELI, GLILCIANE . CARACTERIZAÇÃO SOCIODEMOGRÁFICA, GESTACIONAL E RESULTADOS PERINATAIS DE GESTANTES ADOLESCENTES PRECOCES E TARDIAS EM MATERNIDADE DO OESTE PAULISTA. Ciências da Saúde: Campo Promissor em Pesquisa 5. 1ed.Ponta Grossa: Atena Editora, 2020, v. , p. 43-54.

  • Prearo Moço, Natália ; Ribeiro de Andrade Ramos, Bruna ; de Castro Silva, Mariana ; Polettini, Jossimara ; Menon, Ramkumar ; Guimarães da Silva, Márcia . Spontaneous Prematurity, Innate Immune System, and Oxidative Stress at the Maternal-Fetal Interface: An Overview. Translational Studies on Inflammation. 1ed.: IntechOpen, 2020, v. , p. 67-84.

  • Menon, Ramkumar ; Nicolau, Nathalia Noda ; Bredson, Sarah ; Polettini, Jossimara . Fetal Membranes: Potential Source of Preterm Birth Biomarkers. Biomarkers in Disease: Methods, Discoveries and Applications. 1ed.: Springer Netherlands, 2015, v. , p. 483-529.

  • CAMELO, R. ; KLERING, R. ; SILVEIRA, D. A. ; POLETTINI, J. . Pesquisa de micoplasma e ureaplasma em tecidos placentários. In: XI Jornada de Iniciação Científica e Tecnológica da UFFS, 2021, On line. Anais da XI Jornada de Iniciação Científica e Tecnológica, 2021. v. 1. p. 1-5.

  • KLERING, R. ; CAMELO, R. ; SILVEIRA, D. A. ; POLETTINI, J. . Prevalência de papiloma vírus humano (HPV) em tecidos placentários e relação com prematuridade. In: XI Jornada de Iniciação Científica e Tecnológica da UFFS, 2021, On line. Anais da XI Jornada de Iniciação Científica e Tecnológica, 2021. v. 1. p. 1-1.

  • MORA, M. E. L. ; ACRANI, G. O. ; POLETTINI, J. . Prevalência de Chlamydia trachomatis em mulheres atendidas pelo Sistema Único de Saúde (SUS). In: XI Jornada de Iniciação Científica e Tecnológica da UFFS, 2021, On line. Anais da XI Jornada de Iniciação Científica e Tecnológica, 2021. v. 1. p. 1-5.

  • RODIGUERO, G. ; KLERING, R. ; POLETTINI, Jossimara ; SILVEIRA, D. A. . Prevalência de prematuridade e pesquisa de HPV em hospital terciário da região norte do estado de Rio Grande do Sul: resultados parciais. In: X JORNADA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA da Universidade Federal da Fronteira Sul - X JIC/UFFS, 2020, Passo Fundo. X Anais da Jornada de Iniciação Científica e Tecnológica da UFFS. Chapecó: UFFS, 2020. v. 1. p. 1-5.

  • UGALDE, L. F. B. ; POLETTINI, J. ; MOZZINI, A. R. ; SILVEIRA, D. A. . Perfil sociodemográfico e clinicopatológico de pacientes com carcinoma de células escamosas de cavidade oral e orofaringe. In: 8 Congresso Internacional em Saúde: Determinantes sociais, tecnológicos e ambientais em saúde, 2021, Ijuí. 8 Congresso Internacional em Saúde: Determinantes sociais, tecnológicos e ambientais em saúde, 2021. v. 1.

  • MORA, M. E. L. ; LINDEMANN, I. L. ; ACRANI, G. O. ; POLETTINI, J. . Índice de massa corporal pré gestacional e gestacional em mulheres atendidas na atenção primária em saúde: análise descritiva e comparativa. In: 8 Congresso Internacional em Saúde: Determinantes sociais, tecnológicos e ambientais em saúde, 2021, Ijuí. 8 Congresso Internacional em Saúde: Determinantes sociais, tecnológicos e ambientais em saúde, 2021. v. 1. p. 1.

  • MAFRA, T. K. A. ; MORA, M. E. L. ; MARONEZI, L. F. C. ; ACRANI, G. O. ; LINDEMANN, I. L. ; POLETTINI, J. . Principais meios de atualização sobre SARS-COV-2/COVID-19. In: 8 Congresso Internacional em Saúde: Determinantes sociais, tecnológicos e ambientais em saúde, 2021, Ijuí. 8 Congresso Internacional em Saúde: Determinantes sociais, tecnológicos e ambientais em saúde, 2021. v. 1. p. 1.

  • MORA, M. E. L. ; JACOBO, A. ; SILVEIRA, D. A. ; DONATO, G. P. B. ; ACRANI, G. O. ; LINDEMANN, I. L. ; PORTELA, S. N. ; POLETTINI, J. . Alterações de microbiota vaginal em mulheres atendidas peloSistema Único de Saúde (SUS). In: 59 Congresso Brasileiro de Ginecologia e Obstetrícia, 2021, edição on line. Revista FEMINA, 2021. v. 1. p. 1.

  • KASPERAVICIUS, J. P. ; KASPERAVICIUS, J. P. ; ACRANI, G. O. ; POLETTINI, J. ; LINDEMANN, I. L. . Hipotireoidismo e fatores associados em população usuária da Atenção Primária à Saúde. In: 8 Congresso Internacional em Saúde: Determinantes sociais, tecnológicos e ambientais em saúde, 2021, Ijuí. 8 Congresso Internacional em Saúde: Determinantes sociais, tecnológicos e ambientais em saúde, 2021. v. 1. p. 1.

  • KASPERAVICIUS, J. P. ; FERNANDES, J. G. P. ; POLETTINI, J. ; ACRANI, G. O. ; LINDEMANN, I. L. . Associação entre hipertensão arterial sistêmica e hipotireoidismo em usuários da Atenção Primária à Saúde. In: VII Semana do Conhecimento - Novas relações entre Universidade e Sociedade em tempos de pandemia, 2020, Passo Fundo. VII Semana do Conhecimento - Novas relações entre Universidade e Sociedade em tempos de pandemia. Passo Fundo: UPF, 2020. v. 1. p. 1.

  • MENONCINI, C. ; TONATTO, T. ; LINDEMANN, I. L. ; POLETTINI, J. ; SIMONETTI, A. B. ; ACRANI, G. O. . Prevalência de alergia em usuários da Atenção Primária à Saúde. In: VII Semana do Conhecimento - Novas relações entre Universidade e Sociedade em tempos de pandemia, 2020, Passo Fundo. VII Semana do Conhecimento - Novas relações entre Universidade e Sociedade em tempos de pandemia, 2020. v. 1. p. 1.

  • MENONCINI, C. ; POLETTINI, J. ; LINDEMANN, I. L. ; ACRANI, G. O. . Prevalência de alergia em idosos usuários da Atenção Primária à Saúde. In: V Congresso Internacional de Estudos do Envelhecimento Humano, 2020, Passo Fundo. V Congresso Internacional de Estudos do Envelhecimento Humano, 2020. v. 1. p. 1.

  • BATISTA, ISABELA ROTTA ; PRATES, AMANDA CAROLINE LIMA ; ARAUJO, J. C. C. ; SANTOS, B. S. ; BONFIM, Y. C. O. ; MORCELI, G. ; POLETTINI, JOSSIMARA ; RODRIGUES, M. V. P. ; PEREIRA, VALÉRIA CATANELI . Resistant and pathogenic Staphylococcus aureus colonizing college coats. In: 8th Congress of European Microbiologists, 2019, Glasgow, Scotland. Abstract book of 8th Congress of European Microbiologists. v. 1. p. 611.

  • COSTA, A. R. B. ; SILVA, I. ; MORCELI, G. ; POLETTINI, JOSSIMARA . Resultados obstétricos de gestações com prematuridade espontânea complicadas por corioamnionite histológica. In: Encontro Nacional de Ensino, Pesquisa e Extensão (ENEPE/2018), 2018, Presidente Prudente. Anais do Encontro Nacional de Ensino, Pesquisa e Extensão ? ENEPE, 2018. p. 295-295.

  • MELLUZZI, C. C. ; MORCELI, G. ; POLETTINI, JOSSIMARA . Caracterização sociodemográfica e obstétrica de ambulatório de gestações de alto risco. In: Encontro Nacional de Ensino, Pesquisa e Extensão (ENEPE/2018), 2018, Presidente Prudente. Anais do Encontro Nacional de Ensino, Pesquisa e Extensão (ENEPE/2018), 2018. p. 261-261.

  • MORCELI, G. ; FERRARI, D. V. J. ; MORAES, L. L. ; POLETTINI, JOSSIMARA ; SAEKI, ERIKA KUSHIKAWA ; CAMPOS, L. A. . Maternal age influence in human colostrum fat composition. In: International Federation of Gynecology and Obstetrics (FIGO) XXII FIGO World Congress, 2018, Rio de Janeiro. Anais of XXII FIGO World Congress, 2018. v. 1. p. 1-1.

  • COLATTO, B. N. ; SOUZA, I. F. ; SCHINKE, L. A. A. ; Nicolau, Nathalia Noda ; MORCELI, G. ; SILVA, M. G. ; POLETTINI, JOSSIMARA . Telomere length and telomerase activity in chorioamniotic membranes. In: International Federation of Gynecology and Obstetrics (FIGO) XXII FIGO World Congress, 2018, Rio de Janeiro. Anais of XXII FIGO World Congress, 2018. v. 1.

  • COLATTO, B. N. ; SOUZA, I. F. ; SCHINKE, L. A. A. ; SILVA, M. G. ; MORCELI, G. ; POLETTINI, J. . Telomere length in chorioamniotic membranes from term and spontaneous preterm birth. In: XVII Workshop de Genética, 2017, Botucatu. Anais do XVII Workshop de Genética, 2017. v. 1. p. 1-1.

  • BRANDAO, I. F. S. ; MUNHOZ, J. C. L. ; VIDOTTO, M. O. ; NAI, G. A. ; POLETTINI, J. . Detecção e genotipagem de HPV em condiloma acuminado de mulheres em idade reprodutiva. In: Encontro Nacional de Ensino, Pesquisa e Extensão ENEPE, 2017, Presidente Prudente. Anais do Encontro Nacional de Ensino, Pesquisa e Extensão. Presidente Prudente, 2017. p. 368-368.

  • BATISTA, I. R. ; ARAUJO, J. C. C. ; SANTOS, B. S. ; PRATES, A. C. L. ; BONFIM, Y. C. O. ; MORCELI, G. ; POLETTINI, Jossimara ; RODRIGUES, M. V. P. ; PEREIRA, V. C. . Determinação da susceptibilidade aos antimicrobianos em Staphylococcus aureus isolados de jalecos de alunos do curso de Biomedicina. In: Encontro Nacional de Ensino, Pesquisa e Extensão da Unoeste 2016, 2016, Presidente Prudente. Anais do Encontro Nacional de Ensino, Pesquisa e Extensão da Unoeste 2016, 2016. p. 1146-1146.

  • SILVA, I. ; NAI, G. A. ; POLETTINI, J. . Prevalência de corioamnionite histológica em gestações complicadas por rotura prematura de membranas pré-termo: estudo retrospectivo de 10 anos. In: Encontro Nacional de Ensino, Pesquisa e Extensão ENEPE, 2016, Presidente Prudente. Anais do Encontro Nacional de Ensino, Pesquisa e Extensão, 2016. p. 1178-1178.

  • SOUZA, S. R. M. ; POLETTINI, J. ; PEREIRA, V. C. ; MORCELI, G. . Resultados maternos e perinatais em gestações de termo em maternidade do interior do estado de São Paulo. In: Encontro Nacional de Ensino, Pesquisa e Extensão, 2016, Presidente Prudente. Anais Encontro Nacional de Ensino, Pesquisa e Extensão, 2016. p. 601-601.

  • PEREIRA, C. M. S. ; POLETTINI, J. ; PEREIRA, V. C. ; MORCELI, G. . Resultados maternos e perinatais de gestantes adolescentes em maternidade do interior do estado de São Paulo. In: Encontro Nacional de Ensino, Pesquisa e Extensão, 2016, Presidente Prudente. Anais Encontro Nacional de Ensino, Pesquisa e Extensão, 2016. p. 600-600.

  • VIEIRA, I. C. ; POLETTINI, J. ; PEREIRA, V. C. ; MORCELI, G. . Aleitamento materno e o conhecimento dos alunos de enfermagem. In: Encontro Nacional de Ensino, Pesquisa e Extensão, 2016, Presidente Prudente. Anais Encontro Nacional de Ensino, Pesquisa e Extensão, 2016. p. 573-573.

  • POLETTINI, Jossimara ; DUTTA, E. H. ; KECHICHIAN, T. ; TAMAYO, E. H. ; BOLDOGH, I. ; SAADE, G. R. ; MENON, R. . Activation of p38MAPK and Senescence in Fetal Membranes Induced by Telomere Overhang Sequence: A Novel Mechanism for Preterm Birth. In: 35th SMFM - Annual Meeting Society for Maternal Fetal Medicine, 2015, San Diego. American Journal of Obstetrics & Gynecology, 2015. v. 212. p. S51-S51.

  • POLETTINI, Jossimara ; DUTTA, E. H. ; KECHICHIAN, T. ; TAMAYO, E. H. ; BYTAUTIENE, E. ; BOLDOGH, I. ; SAADE, G. R. ; MENON, R. . Oxidative Stress Induces Development of DNA damage foci and p38MAPK activation in the amniotic sac of CD1 mice. In: 35th SMFM - Annual Meeting Society for Maternal Fetal Medicine, 2015, San Diego. American Journal of Obstetrics & Gynecology, 2015. v. 212. p. S99-S100.

  • Nicolau, N. M. N. ; POLETTINI, Jossimara ; KACEROVSKY, M. ; KECHICHIAN, T. ; SAADE, G. R. ; PELTIER, M. ; MENON, R. . Polimicrobial infection of Gardnerella vaginalis and genital mycoplasmas - but not mycoplasmas alone - induces higher fetal membrane pro-inflammatory cytokine response.. In: 35th SMFM - Annual Meeting Society for Maternal Fetal Medicine, 2015, San Diego. American Journal of Obstetrics & Gynecology, 2015. v. 212. p. S262-S262.

  • BEHNIA, F. ; VELARDE, M. ; KACEROVSKY, M. ; DUTTA, E. H. ; POLETTINI, Jossimara ; HUAIZHI, Y. ; SAADE, G. R. ; CAMPISI, J. ; MENON, R. . Term Fetal Membranes and Senescence Associated Secretory Phenotype (SASP)-like Gene Expression : A Signal for Parturition?. In: 35th SMFM - Annual Meeting Society for Maternal Fetal Medicine, 2015, San Diego. American Journal of Obstetrics & Gynecology, 2015. v. 212. p. S66-S66.

  • BEHNIA, F. ; DUTTA, E. H. ; KECHICHIAN, T. ; SAADE, G. R. ; POLETTINI, Jossimara ; MENON, R. . Lack of Senescence Phenotype activation during Lipopolysaccharide induced inflammation of human fetal membrane cells. In: 35th SMFM - Annual Meeting Society for Maternal Fetal Medicine, 2015, San Diego. American Journal of Obstetrics & Gynecology, 2015. v. 212. p. 284-284.

  • DUTTA, E. H. ; KACEROVSKY, M. ; TAYLOR, B. ; BEHNIA, F. ; POLETTINI, Jossimara ; KECHICHIAN, T. ; SAADE, G. R. ; BOLDOGH, I. ; MENON, R. . Ras-GTPase and p38MAPK activation delineate the pathways of spontaneous preterm birth and preterm premature of membranes. In: 35th SMFM - Annual Meeting Society for Maternal Fetal Medicine, 2015, San Diego. American Journal of Obstetrics & Gynecology, 2015. v. 212. p. S169-S170.

  • POLETTINI, JOSSIMARA ; SILVA, M. G. ; SYED, T. A. ; SAADE, G. R. ; MENON, R. . Screening of lysyl oxidase (LOX) and lysyl oxidase-like (LOXL) enzyme expression and activity in human fetal membranes. In: 34th Annual Meeting - The Society for Maternal-Fetal Medicine, 2014, New Orleans. American Journal of Obstetrics & Gynecology. NEW YORK: MOSBY-ELSEVIER, 2014. v. 210. p. S402-S403.

  • Nicolau, N. M. N. ; POLETTINI, JOSSIMARA ; SILVA, M. G. ; SYED, T. A. ; KECHICHIAN, T. ; PELTIER, M. ; SAADE, G. R. ; MENON, R. . Inflammatory response to polymicrobial infection in human fetal membranes. In: 34th Annual Meeting - The Society for Maternal-Fetal Medicine, 2014, New Orleans. American Journal of Obstetrics & Gynecology. NEW YORK: MOSBY-ELSEVIER, 2014. v. 210. p. S229-S229.

  • POLETTINI, JOSSIMARA ; BOLDOGH, I. ; SAADE, G. R. ; TAYLOR, R. N. ; MENON, R. . Oxidative Damage of Telomeres Promotes Amnion Cell Senescence through p38MAPK Pathway. In: 2014 SGI 61st Annual Scientific Meeting - Society for Gynecologic Investigation, 2014, Florence. Reproductive Sciences. THOUSAND OAKS: SAGE PUBLICATIONS, 2014. v. 21. p. 337A-337A.

  • MARCOLINO, L. D. ; MOSCH, M. B. ; SILVA, D. F. ; POLETTINI, Jossimara ; MARQUES, M. E. A. ; TRAIMAN, P. ; MAUAD, L. M. Q. ; CANDEIAS, J. M. G. ; SILVA, M. G. . Cytokine profile in serum and cervical secretion of women with low-grade squamous intraepithelial lesion, high-grade squamous intraepithelial lesion and invasive squamous cell carcinoma. In: 10th World Congress on Inflammation, 2011, Paris, França. Inflammation Research, 2011. v. 60. p. S105-S105.

  • MARCOLINO, LARISSA D. ; MOSCH, M. B. ; SILVA, D. F. ; POLETTINI, J. ; MARQUES, M. E. A. ; TRAIMAN, P. ; MAUAD, L. M. Q. ; CANDEIAS, J. M. G. ; SILVA, M.G. . Cytokine profile in serum and cervical secretion of women with low-grade squamous intraepithelial lesion, high-grade squamous intraepithelial lesion and invasive squamous cell carcinoma.. In: XXII Encontro Nacional de Virologia / VI Encontro de Virologia do Mercosul, 2011, Atibaia, SP. Virus Reviews and Research, 2011. v. 16. p. 38.

  • CANDEIAS, J. M. G. ; MARCOLINO, L. D. ; MOSCH, M. B. ; POLETTINI, Jossimara ; SILVA, D. F. ; MAUAD, L. M. Q. ; SILVA, M. G. . Cytokine levels in serum and cervicovaginal secretions of women with high squamous intraepithelial lesions. In: XXI National Meeting of Virology and V Virology Meeting of Mercosul, 2010, Gramado. Virus Review & Research, 2010. v. 15. p. 255-255.

  • MOCO, N. P. ; POLETTINI, Jossimara ; PERAÇOLI, J. C. ; COELHO, K. I. R. ; SILVA, M. G. . Expression of Toll-like receptor -2 and -4 in chorioamniotoc membranes complicated by chorioamnionitis. In: V Encontro de Pós-Graduação da Faculdade de Medicina de Botucatu, 2009, Botucatu. ARBS Annual Review of Biomedical Sciences, 2009. v. 12. p. A86.

  • SILVA, D. F. ; MARCOLINO, L. D. ; POLETTINI, Jossimara ; TRAIMAN, P. ; MAUAD, L. M. Q. ; TROMBINI, A. L. D. D. ; AULER, A. M. B. A. P. ; GILLI, C. R. C. ; CANDEIAS, J. M. G. ; SILVA, M. G. . Concentration of cytokines in serum and in cervical secretions in patients with HPV-induced lesions. In: XX Encontro Nacional de Virologia, 2009, Brasília. Virus Reviews & Research. Rio de Janeiro: Imprinta Express Ltda, 2009. v. 14. p. 63-63.

  • MARCONI, C. ; RAMOS, B. R. A. ; POLETTINI, Jossimara ; VIEIRA, E. P. ; PEREIRA, A. C. ; PERAÇOLI, J. C. ; SILVA, M. G. . Interleukin-1b and interleukin-6 in amniotic fluid: relationship to intraamniotic infection in preterm labor. In: XXI European Congress of Perinatal Medicine, 2008, Istanbul. The Journal of Maternal-Fetal & Neonatal Medicine, 2008. v. 21. p. 121-121.

  • VIEIRA, E. P. ; PEREIRA, A. C. ; POLETTINI, Jossimara ; PERAÇOLI, J. C. ; SILVA, M. G. . Detection of IL-18 mRNA by real time PCR in chorioamniotic membranes from the pregnant women with preterm premature rupture of membranes. In: XXI European Congress of Perinatal Medicine, 2008, Istanbul. The Journal of Maternal-Fetal & Neonatal Medicine,, 2008. v. 21. p. 1-280.

  • POLETTINI, Jossimara ; MARCONI, C. ; PERAÇOLI, J. C. ; CANDEIAS, J. M. G. ; ARAUJO JUNIOR, J. P. ; SILVA, M. G. . Detection of inflammatory cytokines mRNA by real time PCR in chorioamniotic membranes from pregnant women with preterm premature rupture of membranes. In: XXI European Congress of Perinatal Medicine, 2008, Istanbul. The Journal of Maternal-Fetal & Neonatal Medicine,, 2008. v. 21. p. 1-280.

  • GONDO, F. ; SILVA, M. G. ; POLETTINI, Jossimara ; TRISTÃO, A. R. ; PERAÇOLI, J. C. ; RUDGE, M. V. C. . Prevalência das infecções do trato genital inferior em gestantes de baixo risco e estratégia de saúde da família. In: VII Congresso da SBDST e II Congresso Brasileiro de Aids, 2008, Goiânia. Jornal Brasileiro de Doenças Sexualmente Transmissíveis, 2008. v. 20. p. 163-163.

  • RAMOS, B. R. A. ; POLETTINI, Jossimara ; MARCOLINO, L. D. ; TRISTÃO, A. R. ; RUDGE, M. V. C. ; SILVA, M. G. . Prevalência de Chlamydia trachomatis em gestantes atendidas no ambulatório de infecções genitais da FMB, Unesp.. In: VII Congresso da SBDST e III Congresso Brasileiro de Aids, 2008, Goiânia. Jornal Brasileiro de Doenças Sexualmente Transmissíveis, 2008. v. 20. p. 65-65.

  • MIOT, L. D. B. ; MIOT, H. A. ; POLETTINI, Jossimara ; SILVA, M. G. ; MARQUES, M. E. A. . Estudo comparativo morfofuncional e expressão de hormônio estimulante de melanócitos do tipo alfa e receptor de melanocortina do tipo 1 em lesões de melasma. In: 63 Congresso da Sociedade Brasileira de Dermatologia, 2008, Fortaleza. Anais Brasileirosde Dermatologia, 2008. v. 83. p. S-24-S-24.

  • RAMOS, B. R. A. ; MARCONI, C. ; PERAÇOLI, J. C. ; POLETTINI, Jossimara ; SILVA, M. G. . Correlation between the presence of Mycoplasma hominis and Ureaplasma Urealyticum and levels of IL-6 and IL-10 in amniotic fluid of pregnant women with preterm labor.. In: IV Encontro de Pós-Graduação da Faculdade de Medicina de Botucatu, 2008, Botucatu. J. Venom. Anim. Toxins incl. Trop. Dis, 2008. v. 14.

  • MARCOLINO, L. D. ; POLETTINI, Jossimara ; TRISTÃO, A. R. ; MARQUES, M. E. A. ; CANDEIAS, J. M. G. ; VELA, R. A. R. ; SILVA, M. G. . Chlamydia trachomatis and HPV coinfections in women with condiloma acuminata. In: IV Encontro de Pos-Graduacao da Faculdade de Medicina de Botucatu, 2008, Botucatu. Journal of venomous animals and toxins including tropical diseases, 2008. v. 14.

  • PEREIRA, A. C. ; POLETTINI, J. ; VIEIRA, E. P. ; MARCONI, C. ; PERAÇOLI, J. C. ; PERAÇOLI, M. T. S. ; SILVA, M. G. . Detection of IL-4 and Il-10 mRNA in chorioamniotic membranes from the pregnant women with preterm premature rupture of membranes. In: XXI European Congress of Perinatal Medicine, 2008, Istambul. The Journal of Maternal-Fetal & Neonatal Medicine, 2008. v. 21. p. 93.

  • GONDO, F. ; SILVA, M. G. ; POLETTINI, J. ; TRISTÃO, A. R. ; PERAÇOLI, J. C. ; RUDGE, M. V. C. . Prevalence of lower genital tract infection in low risk pregnant woman of the family healthy strategy of the primary care services. In: XXI European Congress of Perinatal Medicine, 2008, Istambul. The Journal of Maternal-Fetal & Neonatal Medicine, 2008. v. 21. p. 97-98.

  • MARCOLINO, L. D. ; POLETTINI, J. ; TRISTÃO, A. R. ; MARQUES, M. E. A. ; CANDEIAS, J. M. G. ; VELA, R. A. R. ; SILVA, M. G. . Co-infecção de Chalmydia trachomatis e HPV em mulheres com condiloma acuminado. In: III Congresso da Soc Brasileira de Doenças Sexualmente Transmissíveis, 2008, Goiania. Jornal Brasileiro de Doenças Sexualmente Transmissíveis, 2008. v. 20. p. 64.

  • POLETTINI, Jossimara ; RAMOS, B. R. A. ; MARCOLINO, L. D. ; TRISTÃO, A. R. ; SILVA, M. G. . Prevalência de cervicite por Chlamydia trachomatis em gestantes atendidas em ambulatório de infecção genital - dados preliminares. In: 41 Congresso Brasileiro de Patologia Clinica e Medicina Laboratorial, 2007, Salvador. Anais do 41 Congresso Brasileiro de Patologia Clinica e Medicina Laboratorial, 2007.

  • POLETTINI, Jossimara ; PERAÇOLI, J. C. ; ARAUJO JUNIOR, J. P. ; CANDEIAS, J. M. G. ; MARCONI, C. ; VIEIRA, E. P. ; FABRIS, V. E. ; PERAÇOLI, M. T. S. ; SILVA, M. G. . Detection of inflammatory cytokines mRNA by real time PCR in chorioamniotic membranes from pregnant women with preterm premature rupture of membranes. In: Satellite Symposium of Reproductive Immunology, 2007, Rio das Pedras. European Journal of Reproductive and Immunology, 2007. v. 75. p. A-12-A-12.

  • POLETTINI, Jossimara ; PERAÇOLI, J. C. ; ARAUJO JUNIOR, J. P. ; CANDEIAS, J. M. G. ; MARCONI, C. ; VIEIRA, E. P. ; PERAÇOLI, M. T. S. ; SILVA, M. G. . Detection of inflammatory cytokines mRNA by real time PCR in chorioamniotic membranes from the pregnant women with preterm premature rupture of membranes. In: III Encontro de Pós-Graduação da Faculdade de Medicina de Botucatu, UNESP, 2007, Botucatu. Journal of Venomous Animals and Toxins including Tropical Disease, 2007. v. 13. p. 991-991.

  • RAMOS, B. R. A. ; POLETTINI, Jossimara ; MARCOLINO, L. D. ; TRISTÃO, A. R. ; SILVA, M. G. . Prevalence of Chlamydia trachomatis cervicitis in pregnant women assisted by Genital Infection Ambulatory of the University Hospital of the Botucatu Medical School, UNESP? Preview data.. In: III Encontro de Pós-Graduação da Faculdade de Medicina de Botucatu, UNESP, 2007, Botucatu. Journal of Venomous Animals and Toxins including Tropical Disease, 2007. v. 13. p. 1017-1017.

  • POLETTINI, Jossimara ; PERAÇOLI, J. C. ; ARAUJO JUNIOR, J. P. ; CANDEIAS, J. M. G. ; MARCONI, C. ; VIEIRA, E. P. ; FABRIS, V. E. ; PERAÇOLI, M. T. S. ; SILVA, M. G. . Deteccao de RNAm de citocinas inflamatorias mRNA por PCR em tempo real em membranas corioamnioticas de gestacoes com rotura prematura de membranas pre termo.. In: 10 Encontro Regional de Biomedicina, 2007, Botucatu. 10 Encontro Regional de Biomedicina, 2007. v. 10. p. 27-27.

  • GONDO, F. ; SILVA, M. G. ; POLETTINI, Jossimara ; TRISTÃO, A. R. ; PERAÇOLI, J. C. ; RUDGE, M. V. C. . Prevalence of lower genital infection in low risk pregnant women attended by family health strategy of the primary care services. In: III Encontro de Pós-Graduação da Faculdade de Medicina de Botucatu- UNESP, 2007, Botucatu. Journal of Venomous Animals and Toxins including Tropical Disease., 2007. v. 13. p. 990-990.

  • VELA, R. A. R. ; POLETTINI, Jossimara ; SILVA, M. G. ; TRISTÃO, A. R. ; PEREIRA, A. C. ; CANDEIAS, J. M. G. . Relação de infectividade entre papilomavirus humano (HPV) e Chlamydia trachomatis em gestantes com lesões sugestivas de doença HPV induzida. In: 40° Congresso Brasileiro de Patologia Clínica-Medicina Laboratorial, 2006, Curitiba, PR. Anais do 40° Congresso Brasileiro de Patologia Clínica-Medicina Laboratorial, 2006.

  • POLETTINI, Jossimara ; VELA, R. A. R. ; TRISTÃO, A. R. ; PEREIRA, A. C. ; RUDGE, M. V. C. ; CANDEIAS, J. M. G. . Relação de infectividade entre papilomavirus humano (HPV) e Chlamydia trachomatis em gestantes com lesões sugestivas de doença HPV induzida. In: 9° Encontro Regional de Biomedicina, 2006, Botucatu. Anais do 9° Encontro Regional de Biomedicina, 2006. v. 9. p. 71-71.

  • MIOT, H. A. ; MIOT, L. D. B. ; CAVALCANTI, P. C. D. ; POLETTINI, Jossimara ; RIBEIRO, S. T. C. . DST: dados epidemiológicos de ambulatório específico em hospital universitário. In: 60 Congresso da Sociedade Brasileira de Dermatologia, 2005, Brasília-DF. 60 Congresso da Sociedade Brasileira de Dermatologia, 2005.

  • POLETTINI, Jossimara ; VELA, R. A. R. ; MARQUES, M. E. A. ; SILVA, M. G. ; MIOT, L. D. B. ; MIOT, H. A. ; STOLF, H. O. ; COSTA, A. L. B. ; MATSUO, C. Y. ; CANDEIAS, J. M. G. . HPV detection and genotyping in solitary Kerathoacanthoma. In: XVI Encontro Nacional de Virologia, 2005, Salvador - BA. Journal of the brazilian society for virology, 2005. v. 10. p. 179-179.

  • MIOT, L. D. B. ; MIOT, H. A. ; POLETTINI, Jossimara ; RIBEIRO, S. T. C. ; CAVALCANTI, P. C. D. ; SILVA, M. G. ; MARQUES, M. E. A. ; CANDEIAS, J. M. G. . Epidemiologia dos pacientes do Ambulatório de DST da FMB-UNESP. In: IX Reunião Anual dos Dermatologistas do Estado de São Paulo, 2004, Campinas. IX Reunião Anual dos Dermatologistas do Estado de São Paulo, 2004.

  • CAVALCANTI, P. C. D. ; RIBEIRO, S. T. C. ; MIOT, H. A. ; MIOT, L. D. B. ; POLETTINI, Jossimara ; VELA, R. A. R. ; MARQUES, M. E. A. ; CANDEIAS, J. M. G. . Epidemiologia dos pacientes do Ambulatório de DST da FMB-UNESP. In: XIII Congresso Médico Acadêmico de Botucatu, 2004, Botucatu. XIII Congresso Médico Acadêmico de Botucatu, 2004. v. 13.

  • POLETTINI, Jossimara ; VELA, R. A. R. ; MIOT, L. D. B. ; MIOT, H. A. ; MARQUES, M. E. A. ; SILVA, M. G. ; CANDEIAS, J. M. G. . Prevalence of human papillomavirus in patients with genital warts: clinical and histopatological correlation. In: XV Encontro Nacional de Virologia, 2004, São Pedro. XV Encontro Nacional de Virologia, 2004. p. 156-156.

  • POLETTINI, Jossimara ; VELA, R. A. R. ; MIOT, L. D. B. ; MIOT, H. A. ; CANDEIAS, J. M. G. ; MARQUES, M. E. A. ; SILVA, M. G. . Estimativa da prevalência dos genotipos do papilomavirus humano em pacientes portadores de verrugas genitais: correlação clínico-histopatológica.. In: XIX Reunião Anual da Federação de Sociedades de Biologia Experimental - FeSBE, 2004, Águas de Lindóia. XIX Reunião Anual da Federação de Sociedades de Biologia Experimental - FeSBE, 2004. p. 127-127.

  • POLETTINI, Jossimara ; VELA, R. A. R. ; MIOT, L. D. B. ; MIOT, H. A. ; CANDEIAS, J. M. G. ; MARQUES, M. E. A. ; TRISTÃO, A. R. ; SILVA, M. G. . Estimativa da prevalência dos genotipos do papilomavirus humano em pacientes portadores de verrugas genitais: correlação clínico-histopatológica.. In: 7° Encontro Regional de Biomedicina, 2004, Botucatu. Anais do 7° Encontro Regional de Biomedicina, 2004.

  • FERRARI, D. V. J. ; SOUZA, L. V. J. ; MORAES, L. L. ; CAMPOS, L. A. ; POLETTINI, J. ; MORCELI, G. . Profile of inflammatory cytokines in colostrum in nursing mothers at the extremes of reproductive age. 2019. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • SOUZA, L. V. J. ; ARAUJO, C. C. M. ; SILVA, MÁRCIA G ; MORCELI, G. ; POLETTINI, J. . Inflammatory cytokins in maternal serum in high-risk pregnancies and relation with obstetric results. 2019. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • POLETTINI, Jossimara . Introdução à biologia tumoral e carcinogênese. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • COLATTO, B. N. ; SOUZA, I. F. ; SCHINKE, L. A. A. ; Nicolau, N. M. N. ; MORCELI, G. ; SILVA, M. G. ; POLETTINI, JOSSIMARA . Telomere length and telomerase activity in chorioamniotic membranes. 2018. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • POLETTINI, J. . Manejo Diagnóstico das Infecções Genitais Femininas: Abordagem Laboratorial. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • POLETTINI, Jossimara ; DUTTA, E. H. ; KECHICHIAN, T. ; TAMAYO, E. H. ; BYTAUTIENE, E. ; BOLDOGH, I. ; SAADE, G. R. ; MENON, R. . Activation of p38 MAPK and Senescence in the Fetal Membranes Induced by Telomere Overhang Sequence: A Novel Mechanism for Preterm Birth. 2015. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • POLETTINI, Jossimara . In vitro Assessment of Fetal Membrane Oxidative Stress to Risk Factors of Preterm Birth. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • POLETTINI, Jossimara ; SANTOS, M. P. ; VIEIRA, E. P. ; PERAÇOLI, J. C. ; WITKIN, S. S. ; SILVA, M. G. . Interleukin 18 messenger RNA and pro-IL-18 protein expression in chorioamniotic membranes from pregnant women with pretem prelabor rupture of membranes. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • POLETTINI, Jossimara . PCR em tempo real e Sequenciamento Genico. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • POLETTINI, Jossimara ; TAKITANE, J. ; PERAÇOLI, J. C. ; SILVA, M. G. . Beta Defensin mRNA detection by real time PCR in chorioamniotic membranes from pregnancies complicated by chorioamnionitis. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • POLETTINI, Jossimara ; VIEIRA, E. P. ; SANTOS, M. P. ; PERAÇOLI, J. C. ; SILVA, M. G. . Messenger RNA and protein expression of IL-18 in chorioamniotic membranes from pregnant women with preterm premature rupture of membranes.. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • POLETTINI, Jossimara ; TAKITANE, J. ; PERAÇOLI, J. C. ; SILVA, M. G. . Real time PCR mRNA detection of defensins in chorioamniotic membranes from pregnancies complicated by chorioamnionitis.. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • POLETTINI, Jossimara . Câncer de colo uterino e HPV ( aula teórica) / Diagnóstico Molecular do HPV (aula prática). 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • POLETTINI, Jossimara . Atuação do Biomédico na Patologia. 2007. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

Outras produções

POLETTINI, JOSSIMARA . Treinamento técnico em cultura de membranas corioamnióticas. 2018. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

TRISTÃO, A. R. ; POLETTINI, Jossimara ; MARCOLINO, L. D. ; TAKITANE, J. . Infecções do Trato Genital Inferior. 2009. .

POLETTINI, Jossimara ; FIGUEIREDO, A. S. . Experiência prática da técnica de PCR em tempo real. 2007. .

SILVA, M. G. ; POLETTINI, Jossimara ; MARCONI, C. ; VIEIRA, E. P. . Manejo diagnóstico das infecções genitais femininas: abordagem laboratorial. 2007. .

SILVA, M. G. ; POLETTINI, Jossimara ; MARCONI, C. ; VIEIRA, E. P. . Diagnóstico laboratorial das infecções do trato genital inferior. 2007. .

Projetos de pesquisa

  • 2022 - Atual

    Aspectos sociodemográficos e fisiopatológicos da saúde reprodutiva da mulher e do binômio materno-fetal., Descrição: Projeto guarda-chuva: A saúde da mulher tem sido destaque na literatura mundial, uma vez que, a cada ano, novas perspectivas são estudadas em relação à vida reprodutiva, emocional, social e de doenças associadas, buscando-se o conhecimento da fisiopatologia dos processos envolvidos, a fim de se oportunizar atendimento precoce e prevenção a esta população. Nesse contexto, a maioria das complicações vivenciadas por mulheres na adolescência e idade adulta resultam de infecções vaginais, suas repercussões, e da resposta do hospedeiro, que podem culminar em desfechos obstétricos adversos. A exemplo, podemos citar vulvovaginites, cervicites, neoplasias cervicais, adversidades gestacionais como prematuridade e infecção intraamniótica. Estudos com amostras biológicas buscam revelar a fisiopatologia e identificar possíveis marcadores preditivos. Somado a isso, estudos in vitro tem contribuído para o entendimento dos mecanismos envolvidos em tais situações. Desta forma, o presente projeto tem como objetivo estudar aspectos sociodemográficos e fisiopatológicos da saúde reprodutiva e ginecológica da mulher e do binômio materno-fetal. Trata-se de estudo prospectivo de natureza mista, com característica epidemiológica e laboratorial, a ser realizado com a população de mulheres atendidas em ambulatório de ginecologia e outros Serviços de Saúde da cidade de Passo Fundo, RS, no período de agosto de 2022 a julho de 2027. As amostras biológicas de interesse, como conteúdo vaginal, sangue ou outros serão coletadas mediante concordância e assinatura do Termo de Consentimento Livre e Esclarecido pela participante, e as condições para coletas seguirão os protocolos de biossegurança e boas práticas laboratoriais dos ambulatórios e outros espaços de saúde. Tais amostras serão analisadas quanto à expressão de mediadores inflamatórios, imunes e oxidativos e presença de microrganismos patogênicos, utilizando-se técnicas laboratoriais padronizadas. Diante da concordância em participar do estudo, os dados referentes às variáveis sociodemográficas e comportamentais de interesse serão coletados através de questionários padronizados para os objetivos propostos e dos prontuários médicos e fichas de atendimento ambulatorial. Os estudos laboratoriais, quando aplicáveis, usarão células amnióticas estimuladas com diferentes patógenos e estressores, e a produção de mediadores inflamatórios será avaliada para o entendimento da fisiopatologia das interações do ambiente com o hospedeiro. Espera-se que os resultados gerados possam contribuir para o entendimento da fisiopatologia das complicações genitais e gestacionais que acometem boa parte das mulheres, além de contribuir com os Serviços de Saúde quanto ao planejamento e identificação de áreas prioritárias de ação. Espera-se ainda, fortalecer a colaboração da UFFS na comunidade e nos serviços de saúde, considerando tais propósitos parte da missão institucional.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (5) . , Integrantes: Jossimara Polettini - Coordenador / Gustavo Olszanski Acrani - Integrante / Ivana Loraine Lindemann - Integrante / Amauri Braga Simonetti - Integrante.

  • 2021 - Atual

    Saúde ginecológica e itinerário terapêutico em idosas usuárias da Atenção Primária à Saúde, Descrição: O Sistema Único de Saúde brasileiro engloba o atendimento primário, secundário e terciário, e, embora tenha se mostrado eficaz no acompanhamento primário através da Atenção Primária à Saúde (APS), ainda observam-se falhas na determinação de um modelo de atenção à saúde da pessoa idosa, o que configura grandes limitadores da assistência a essa população. Para as mulheres, um aspecto importante muitas vezes impactado por falhas no atendimento e/ou orientação, é a realização do exame citológico cérvico-vaginal, um importante exame preventivo de câncer de colo do útero. O objetivo do presente estudo é descrever características de saúde de idosas usuárias da Rede Urbana de APS e identificar fatores associados à realização ou não de exame preventivo ginecológico (Papanicolaou) e determinar o itinerário terapêutico sobre a temática. Trata-se de um estudo com abordagem metodológica quantitativa, observacional, transversal, descritivo e analítico, a ser realizado com idosas atendidas na Rede Urbana de Atenção Primária à Saúde (APS) de Marau, RS, no ano de 2019. Serão coletados dados secundários sociodemográficos e de saúde a partir dos prontuários médicos, com ênfase no acompanhamento da saúde ginecológica dessas mulheres, através da determinação da prevalência e motivação de realização de exame preventivo de Papanicolaou. Adicionalmente será realizada etnografia dos itinerários terapêuticos vivenciados por essas mulheres na APS em relação à saúde ginecológica, através de análise de diários de campos e dados secundários de prontuários. A análise estatística será realizada no programa PSPP (de livre distribuição), sendo obtida a caracterização sociodemográfica e a análise dos cruzamentos bicaudais, sendo considerados significativos valores de p<0,05. O estudo será encaminado ao Comitê de Ética em Pesquisa com Seres Humanos da UFFS, respeitando os preceitos da ética em pesquisa com seres humanos. Espera-se determinar o perfil da saúde ginecológica da população idosa feminina, bem como identificar possíveis falhas de acompanhamento a partir das possibilidades e limites de cada percurso.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Jossimara Polettini - Coordenador / Ivana Loraine Lindemann - Integrante / ANNA PAULA MONTEIRO DE SOUZA - Integrante / PRISCILA PAVAN DETONI - Integrante.

  • 2021 - Atual

    Processamento de amostras fixadas em formalina e preservadas em parafina para uso diagnóstico e caracterização de doenças através de biologia molecular, Descrição: Avanços científicos voltados ao diagnóstico clínico, acompanhado da descoberta do DNA e a complexidade desta molécula, tornou-se na área da medicina um fator determinante frente a questões clínicas, para meios de diagnósticos eficientes e rápidos. O surgimento da técnica de Reação em Cadeia da Polimerase (PCR), fez com que amostras biológicas fixadas em formalina e preservadas em parafina, as chamadas FFPE (do inglês formalin-fixed paraffin-embedded) se tornassem fontes valiosíssimas de material genético em análises moleculares em diagnósticos clínicos. Nesse contexto, o presente projeto objetiva padronizar o uso de material proveniente de processos patológicos diversos, representativos das doenças humanas, para uso na investigação molecular. Trata-se de um estudo transversal retrospectivo, no qual serão incluídas amostras de diferentes tecidos e tempo de preservação em parafina, provenientes do Laboratório de Patologia do Hospital São Vicente de Paulo, Passo Fundo, RS. As amostras de diferentes tecidos serão cortadas em micrótomo comum em diferentes números e espessura de cortes. Busca-se analisar 1, 2 e 3 cortes de 5, 8 e 10 m para cada tecido e 3 períodos de preservação (2, 5 e 10 anos). Estima-se a inclusão de 20 amostras para cada grupo. Posteriormente, as amostras serão submetidas à desparafinização e extração de DNA total e analisadas por espectrofotometria para verificação da qualidade e quantidade do DNA recuperados de cada tecido. A eficiência do protocolo será confirmada pela amplificação de genes endógenos por PCR em tempo real, utilizando-se primers específicos para cada gene endógeno e verificação da eficiência da recuperação do DNA nas amostras estudadas. Com isso espera-se definir uma padronização metodológica para recuperação de material genético de diferentes tecidos em um Serviço específico (local), podendo viabilizar futuros estudos de investigacao de possíveis alteracoes com fim de diagnóstico (como diagnóstico retrospectivo) e descobertas de mecanismos biologicos de doencas e de estratégicas de atuação terapeutica, incluindo identificação de indivíduos, estudos populacionais e envios de amostras à distância.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Jossimara Polettini - Coordenador / Daniela Augustin Silveira - Integrante / Marcelo Zvir de Oliveira - Integrante.

  • 2021 - Atual

    Síndrome Respiratória Aguda Grave por SARS-CoV-2 em crianças e adolescentes: prevalência das variantes virais P.1, B.1.1.7 e B.1.351., Descrição: O Brasil tem observado um aumento de cerca de dez vezes a média histórica de hospitalizações por casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) desde março de 2020, especialmente depois da notificação do primeiro caso de COVID-19 (doença causada pelo novocoronavírus, SARS-CoV-2). A SRAG é uma afecção sindrômica resultante de complicações pulmonares sendo caracterizada por febre alta, tosse e dispneia, acompanhada ou não de aumento da frequência respiratória, hipotensão, cianose, desidratação e inapetência. Com a rápida distribuição geográfica, a COVID-19 representa uma grande ameaça à saúde global. Devido ao alto poder de transmissibilidade viral, houve aumento no número de casos e demora na erradicação do agente infeccioso, o que permitiu o surgimento de novas variantes genéticas do vírus, as quais estão relacionadas a uma maior taxa de transmissão e um possível agravo nos casos clínicos. Em crianças, a nova doença apresentou-se inicialmente assintomática, porém, no decorrer dos meses da pandemia, observou-se uma taxa incomum de síndromes inflamatórias multissistêmicas sem etiologia definida nessa população, o que foi posteriormente relacionada ao SARS-CoV-2. Neste contexto, o presente projeto tem como objetivo avaliar a prevalência das variantes P.1 (variante de Manaus); B.1.1.7 (inglesa) e B.1.351 (sul africana) em pacientes pediátricos com diagnóstico de SRAG pelo SARS-CoV-2 e avaliar sua relação com quadros mais graves da doença. Trata-se de um estudo de natureza quantitativa, observacional, transversal, descritivo e analítico. O estudo será realizado de agosto de 2021 a julho de 2023. A população a ser incluída consistirá de indivíduos com idade de 0 a 19 anos com suspeita de infecção respiratória atendidos pelo Sistema Único de Saúde (SUS) no Hospital de Clínicas (HC) no município de Passo Fundo ? RS. Com base nos parâmetros de cálculo amostral, estima-se incluir em torno de 108 participantes. Para aqueles indivíduos que consentirem a participação no estudo, respeitados os preceitos éticos, serão coletados dados sociodemográficos, clínicos e de saúde a partir de questionário e prontuários médicos, e será realizada coleta de swab da orofaringe e/ou nasofaringe para a detecção da espécie viral, a ser realizada pela técnica de RT-PCR. Na análise dos dados será empregada a estatística descritiva incluindo médias, mediana e desvios-padrão para variáveis contínuas e proporções e respectivos intervalos de confiança (IC95%) para variáveis categóricas. Com base nos achados desse estudo, espera-se conhecer quais as variantes de SARS-CoV-2 circulantes na região e averiguar se existe relação entre a infecção por essas cepas e casos mais graves da doença, apresentando novas evidências e subsídios ao enfrentamento da pandemia de COVID-19 para a gestão em saúde local.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Jossimara Polettini - Coordenador / Gustavo Olszanski Acrani - Integrante / Ivana Loraine Lindemann - Integrante / Shana Ginar da Silva - Integrante / Renata dos Sanot Rabello - Integrante.

  • 2020 - Atual

    Infecção polibacteriana das membranas corioamnióticas: regulação temporal da interação microbiana e resposta inflamatória/oxidativa, Descrição: Introdução: Embora a etiologia do parto pré-termo seja multifatorial, vários microrganismos têm sido associados à sua patogênese, uma vez que as espécies bacterianas mais frequentemente isoladas no líquido amniótico de pacientes com infecção intra-amniótica são comumente encontradas na microbiota vaginal. A infecção da cavidade amniótica é a principal causa do parto pré-termo espontâneo, no entanto, existe uma complexidade nesse cenário infeccioso, uma vez que diversas comunidades bacterianas estão envolvidas, assim como diferentes interações entre espécies e respostas aos antibióticos e resultados clínicos distintos. Objetivo: Avaliar a regulação temporal da resposta inflamatória/oxidativa em modelos in vitro de infecção polibacteriana das membranas corioamnióticas com associações de espécies bacterianas associadas ao parto pré-termo, na presença ou não de diferentes espécies de Lactobacillus. Metodologia: Em cada subprojeto um total de 10 membranas corioamnióticas, obtidas de gestações de termo, serão desafiadas in vitro com diferentes combinações das principais espécies bacterianas identificadas no trato genital inferior de gestações complicadas por parto pré-termo, na concentração de 103 a 10 6 Unidades Formadoras de Colônias. Amostras de membranas corioamnióticas sem estímulo bacteriano serão usadas como controle negativo e como controle positivo será utilizado o lipopolissacarídeo de Escherichia coli. Para a avaliação da regulação da expressão e produção dos diferentes marcadores inflamatórios/oxidativos aqui propostos, para cada tratamento serão coletados e armazenados a -80C os sobrenadantes e tecidos remanescentes nos seguintes momentos: 6 horas,12 horas, 18 horas e 24 horas. Os sobrenadantes obtidos das culturas de membranas corioamnióticas serão submetidos à quantificação proteica pela tecnologia Luminex do painel composto por IL-1, IL-6, sIL-6R, sgp130, IL-8, IL-10, IL-13, GM-CSF, TNF-, hBD1, hBD2, hBD3, PTX3 e PGE2. Os tecidos remanescentes serão utilizados para a análise da expressão gênica e proteica de mIL-6R, gp130, TLR-2, TLR-4, TLR-6, NOD1 e NOD2 por PCR em tempo real e Western Blotting, respectivamente. Adicionalmente, será realizada a imunolocalização com construção de imagem tridimensional de IL-6 e seus receptores de membrana (mIL-6R e gp130) nas membranas corioamnióticas por imunofluorescência. Para avaliar o estresse oxidativo, após extração proteica, serão quantificados os níveis de 3-nitrotirosina, de carbonilação proteica e da capacidade antioxidante total. A caracterização ultraestrutural dos fragmentos das membranas após estímulo com diferentes combinações de espécies bacterianas será realizada por microscopia eletrônica. Além disso, as interações bacterianas nas membranas fetais serão analisadas por construção de imagem tridimensional em microscópio confocal.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Jossimara Polettini - Integrante / Nathália Mayumi Noda Nicolau - Integrante / SILVA, MÁRCIA G - Coordenador / de Castro Silva, Mariana - Integrante / Vera Lucia Mores Rall - Integrante / Geovana Cristofani Cursino - Integrante / Giovana Fernanda Cosi Bento - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2020 - Atual

    Pesquisa de Micoplasma e Ureaplasma em tecidos placentários, Descrição: Micoplasma e ureaplasma são gêneros bacterianos que causam infecções nas mucosas, sendo as infecções do trato respiratório e urogenital as mais comuns. Estudos recentes buscam elucidar a relação destas bactérias com desfechos gestacionais, como prematuridade e infecção vertical. O objetivo do presente projeto é determinar a prevalência de micoplasma e ureaplasma em tecidos placentários. Trata-se de um estudo transversal, sendo a amostra composta por pacientes parturientes do Hospital São Vicente de Paulo, de Passo Fundo/RS, atendidas pelo Sistema Único de Saúde (SUS), cujas placentas foram encaminhadas para análise anatomopatológica no ano de 2017, no Laboratório de Patologia do referido hospital, devido a situações agravantes no parto ou em relação à mãe e recém-nascido, critérios determinados pela equipe obstétrica. As amostras de tecidos placentários incluídos em parafina serão seccionadas em micrótomo comum, desparafinizados e submetidos à extração de DNA total, o qual será analisado através da técnica de Reação em Cadeia da Polimerase (PCR) para verificação da presença de Mycoplasma hominis e Ureaplasma urealyticum. A prevalência dos gêneros bacterianos será relacionada com o perfil da parturiente e as características do parto e do recém-nascido, dados esses coletados dos prontuários médicos da mãe e do recém-nascido. De acordo com estudos semelhantes, espera-se encontrar a positividade para micoplasma e ureaplasma em cerca de 9% das amostras de placentas analisadas. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Jossimara Polettini - Coordenador / Daniela Augustin Silveira - Integrante / Rafaela Camelo - Integrante., Financiador(es): Universidade Federal da Fronteira Sul - Bolsa.

  • 2020 - Atual

    Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) em pacientes adultos sintomáticos: prevalência dos vírus respiratórios e de COVID-19, Descrição: Introdução: Dentre as manifestações mais preocupantes das infecções respiratórias mais frequentes em humanos é a Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), sendo crianças e idosos são altamente acometidos, no entanto, nos últimos anos, observou-se aumento das taxas de infecção também na idade adulta, principalmente devido aos hábitos de vida, sobrecarga de trabalho e comorbidades associadas. Grande parte destas infecções são provocadas por vírus, os quais circulam durante todo o ano, a maior parte parece ser adquirida na comunidade, sendo que a região Sul concentra mais de dos casos notificados no Brasil. Em 2020, acredita-se que, por conta da pandemia de COVID-19, recente descoberta, estes casos aumentarão exponencialmente. Objetivo: Avaliar a prevalência de SRAG em pacientes adultos sintomáticos e determinar agente etiológico e fatores clínicos associados. Metodologia: Trata-se de um estudo transversal, a ser realizado na cidade de Passo Fundo, RS, entre 01 de agosto de 2020 e 31 de julho de 2022. Serão incluídos no estudo indivíduos adultos de 19 a 59 anos de idade com suspeita e sintomatologia de infecção respiratória, atendidos pelo Sistema Único de Saúde (SUS) no serviço de urgência e emergência de dois hospitais da cidade. Àqueles que consentirem, respeitados os preceitos éticos, será aplicado questionário sobre o estado de saúde do paciente, suas características clínicas e sociodemográficas, seguido de procedimento de coleta de swab da oro/nasofaringe em sala reservada com privacidade garantida, realizada por profissional de saúde habilitado. As amostras de secreção respiratória serão submetidas à extração de RNA total, e utilizadas para realização do exame de detecção molecular dos vírus Influenza A e B, Vírus Sincicial Respiratório e Novo Coronavírus (SARS-CoV-2) por PCR em Tempo Real, utilizando-se o método de TaqMan, de acordo com protocolos padronizados. A análise estatística descritiva consistirá de distribuição de frequências, e para os testes das variáveis dependentes de acordo com as independentes será empregado o Teste de Qui-quadrado ou Teste Exato de Fisher, considerando-se o nível de significância estatística de 5%. Resultados esperados: Identificar os principais vírus respiratórios circulantes responsáveis por síndrome respiratória aguda grave em adultos na região norte do Rio Grande do Sul e caracterizar aspectos sociais, demográficas e de saúde associados a estes pacientes e a cada infecção viral, permitindo tratamento mais adequado para de acordo com o diagnóstico do agente infeccioso. Adicionalmente, considerando a pandemia de COVID-19, espera-se ainda oferecer o diagnóstico molecular para pacientes atendidos no SUS, e, dessa forma, contribuir de forma decisiva na inovação tecnológica da região e no enfrentamento da pandemia.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (5) . , Integrantes: Jossimara Polettini - Coordenador / Gustavo Olszanski Acrani - Integrante / Ivana Loraine Lindemann - Integrante / Shana Ginar da Silva - Integrante / Renata dos Sanot Rabello - Integrante., Financiador(es): Universidade Federal da Fronteira Sul - Auxílio financeiro.

  • 2020 - Atual

    Prevalência de Chlamydia trachomatis em mulheres atendidas pelo Sistema Único De Saúde (SUS), Descrição: As infecções do trato genital inferior estão associadas a comorbidades da vida reprodutiva e saúde genital da mulher, incluindo infertilidade, doença inflamatória pélvica, vulvovaginites e cervicites. Assim, evidencia-se a importância da detecção de infecções, bem como a implantação de um tratamento adequado. Dessa forma, o objetivo do presente projeto será determinar a prevalência de infecção por Chlamydia trachomatis em mulheres atendidas pelo Sistema Único de Saúde (SUS), e avaliar sua relação com a fatores sociodemográficos. Trata-se de estudo quantitativo, transversal, descritivo e analítico com amostra não probabilística, composta por conveniência, a qual será formada por pacientes atendidas no ambulatório de ginecologia da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS), Campus Passo Fundo, submetidas ao exame citológico Papanicolau (estimativa de 300 pacientes). O estudo será realizado no período de agosto de 2020 a julho de 2021. Serão incluídas no estudo mulheres com idade entre 25 e 64 anos, não gestantes, atendidas no ambulatório para realização de exame de citologia cérvico-vaginal de rotina (protocolo de faixa etária do SUS) e/ou maiores de 18 anos que buscam atendimento por leucorreia/prurido/queixas menstruais que são submetidas ao exame especular. Todas as mulheres envolvidas no estudo serão previamente informadas quanto à finalidade da pesquisa e assinarão o termo de consentimento livre e esclarecido e responderão a questionário estruturado para o presente projeto. Durante a consulta ginecológica, amostras do colo uterino serão coletadas pelo método de citologia em meio líquido, submetidos à coloração de Papanicolau para determinação das lesões precursoras do câncer do colo uterino. As células remanescentes no meio líquido serão submetidas à extração de DNA total utilizando-se reagentes comerciais. A presença de C. trachomatis será avaliada pelo método molecular de PCR, utilizando-se primers específicos para detecção do DNA bacteriano. A análise estatística será realizada de acordo com os pressupostos determinados pelos resultados e o nível de significância adotado será de 5%. O estudo atenderá aos princípios éticos, e será submetido para aprovação pelo Comitê de Ética em Pesquisa com Seres Humanos da UFFS. Dessa forma, o estudo permitirá um levantamento de informações que proporcionará planejar e executar medidas de promoção e prevenção de saúde, considerando a positividade da população para o patógeno estudado.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Jossimara Polettini - Coordenador / Gustavo Olszanski Acrani - Integrante / Daniela Augustin Silveira - Integrante / Caroline Rizzi - Integrante / Maria Eduarda Lemes Mora - Integrante., Financiador(es): Universidade Federal da Fronteira Sul - Bolsa.

  • 2019 - 2020

    Leucemia linfoblástica aguda em crianças e adolescentes: perfil clínico e desfechos da doença, Descrição: FUNDAMENTOS: O câncer mais frequente na população infantojuvenil é a leucemia aguda, representando cerca de 30% dos casos dos cânceres nessa população. A fisiopatologia da doença consiste em um distúrbio na hematopoiese celular em que ocorre a proliferação de células jovens, os blastos, que infiltram a medula óssea e provocam a doença. As leucemias agudas mais prevalentes são da linhagem de células linfóide que correspondem a 80% dos casos. Nas últimas décadas a sobrevida desses pacientes aumentou para cerca de 90% e isso ocorreu devido à terapia direcionada e à melhoria nos cuidados de suporte. OBJETIVOS: Descrever o perfil epidemiológico, clínico e os desfechos dos pacientes infantojuvenis com o diagnóstico de Leucemia Linfoblástica Aguda (LLA), atendidos no Centro Oncológico Infantojuvenil, localizado em um hospital terciário na cidade de Passo Fundo ? RS. MÉTODOS: Estudo de coorte retrospectivo, com uso de dados secundários de todos os pacientes com idade entre 0 e 19 anos que tiveram o diagnóstico e tratamento de LLA no período de janeiro de 2015 a janeiro de 2020. RESULTADOS: A amostra foi composta por 48 pacientes de ambos os sexos, com prevalência do sexo masculino (62,5%), pacientes com idade < 9 anos (58,3%), raça branca (83,4%), LLA oriunda de células B (87,5%) e o principal desfecho observado foi de remissão prolongada da doença (77,2%). CONCLUSÃO: A caracterização dos pacientes com LLA atendidos no centro na sua maioria apresentou concordâncias com a literatura, assim como os principais sinais e sintomas e clínicos, definindo o que é importante para o conhecimento das particularidades da população atendida a fim de melhorar os resultados dos tratamentos e das taxas de sobrevida e de remissão prolongada da doença.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Jossimara Polettini - Coordenador / Giovana Bonessoni Felizari - Integrante / Guilherme Kunkel da Costa - Integrante.

  • 2019 - Atual

    Prevalência de papiloma vírus humano (HPV) em tecidos placentários e relação com prematuridade, Descrição: O Papilomavírus Humano (HPV) é um vírus DNA que causa infecções na pele e mucosas, sendo a infecção sexualmente transmissível mais comum. Além disso, a presença de HPV tem sido documentada em tecidos placentários. Investigações recentes buscam elucidar a relação deste vírus com desfechos gestacionais, como prematuridade, e infecção vertical, uma vez que várias vias podem estar relacionadas à infecção pelo HPV em neonatos. O objetivo do presente projeto é determinar a prevalência de presença do DNA-HPV em tecidos placentários e sua relação com prematuridade. Após a dequitação da placenta, serão coletadas amostras de placenta e membranas corioamnióticas de parturientes atendidas em um hospital terciário na região norte do Rio Grande do Sul. Serão incluídas 120 amostras no estudo, distribuídas nos seguintes grupos de estudo: gestações a termo fora de trabalho de parto (cesáreas eletivas) (n=40), trabalho de parto pré-termo (TPP) (n=40), trabalho de parto pré-termo com rotura prematura de membranas (RPM-PT) (n=40). As amostras serão submetidas à extração de DNA, e posteriormente às análises moleculares de detecção e tipagem de HPV dos subtipos virais 6/11, considerados de baixo risco oncogênico e subtipos 16 ou 18, de alto risco oncogênico, por PCR convencional. Os dados maternos e do recém-nascido serão obtidos pela análise dos prontuários médicos. Espera-se encontrar positividade de DNA-HPV em cerca de 5% das amostras, bem como correlação positiva com a prematuridade, assim como genótipos de alto risco oncogênico.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Jossimara Polettini - Coordenador / Daniela Augustin Silveira - Integrante / Roberta Klering - Integrante / Rafaela Camelo - Integrante., Financiador(es): Universidade Federal da Fronteira Sul - Bolsa / Universidade Federal da Fronteira Sul - Auxílio financeiro.

  • 2016 - 2018

    Prevalência de corioamnionite histológica em gestações complicadas por rotura prematura de membranas pré-termo: estudo retrospectivo de 10 anos, Descrição: Introdução: Corioamnionite histológica é uma inflamação das membranas corioamnióticas caracterizada pela presença de neutrófilos, porém apenas metade dos casos apresenta sinais clínicos e sintomas decorrentes. Essa condição histopatológica ocorre em até 80% das gestações pré-termo, ou seja, as que ocorrem antes de 37 semanas de gestação. Nesse cenário, há uma enorme preocupação em relação ao aumento da probabilidade de infecção neonatal em recém-nascidos prematuros, além de outras complicações maternas e neonatais. Objetivo: Caracterizar gestantes com parto pré-termo complicadas por corioamnionite histológica. Casuística e métodos: Trata-se de um estudo retrospectivo envolvendo gestações pré-termo, que foram atendidas no Serviço de Obstetrícia do Hospital Regional, Presidente Prudente, entre o período de Janeiro de 2000 a Dezembro de 2009 e que tiveram a placenta e seus anexos (cordão umbilical e membranas corioamnióticas) submetidos à análise histopatológica. Os dados sociodemográficos das pacientes incluídas no estudo e dos desfechos gestacionais foram coletados a partir da análise dos prontuários médicos. Os dados são apresentados na forma descritiva. Resultados: No período analisado, foram realizados 807 exames histopatológicos de placentas e anexos, sendo que 715 foram casos de abortamentos e 78 foram de gestações de segundo trimestre. Dessas, 56 foram coriomanionite positiva (71,8%). Para este estudo, foram avaliados 49 desses casos cujos prontuários médicos estavam disponíveis. A idade materna média das gestantes incluídas no estudo foi 25,4 anos 6,7; 16 (32,6%) gestantes eram solteiras e 38 (77,5%) de etnia branca. Em relação aos dados obstétricos, parto vaginal foi encontrado em 24,5% dos casos, 8 (16,3%) eram primigestas e 13 (26,5%) tiveram 4 ou mais gestações. Conclusão: A prevalência de corioamnionite histológica em gestações de segundo trimestre é alta e, na população estudada, conclui-se que existe alto número de partos cesáreas, e alto grau de paridade. Corioamnionite histológica é fator indicativo de infecção intrauterina, portanto, os desfechos obstétricos, neo e perinatais devem ser avaliados para melhor entendimento da fisiopatologia da prematuridade.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Jossimara Polettini - Coordenador / Glilciane Morceli - Integrante / Isabela da Silva - Integrante / Gisele Alborghetti Nai - Integrante / ANDREZA REIS BATISTA COSTA - Integrante., Financiador(es): Universidade do Oeste Paulista - Auxílio financeiro.

  • 2016 - 2017

    Detecção e genotipagem de HPV em condiloma acuminado de mulheres em idade reprodutiva: estudo retrospectivo, Descrição: Introdução: As infecções anogenitais pelo papilomavírus humano (HPV) são as mais frequentemente diagnosticadas entre as doenças sexualmente transmissíveis de origem viral. Os condilomas acuminados (CA) são lesões benignas decorrentes da infecção por HPV de baixo risco oncogênico. No entanto, infecções múltiplas com genótipos de alto risco oncogênico já foram documentados nessas lesões. Dessa forma, a detecção de DNA do HPV em lesões de CA se apresenta como importante ferramenta no diagnóstico, procedimento, tratamento e seguimento, pois tais lesões podem representar um reservatório de tipos de HPV implicados na gênese do câncer do colo do útero. Objetivo: Relacionar os resultados histopatológicos de CA com a positividade de DNA-HPV. Métodos: Trata-se de um estudo transversal no qual foram estudadas amostras de CA acuminado da região genital de mulheres em idade reprodutiva, obtidos por biópsia durante consulta ginecológica no período de janeiro de 2000 a dezembro de 2009, e tais amostra são provenientes do Biobanco CONEP B-005 da Universidade do Oeste Paulista, UNOESTE. As amostras parafinizadas foram seccionados em micrótomo comum, obtendo-se 3 cortes de 10 m de espessura, os quais foram desparafinizados em xilol e submetidos à extração de DNA total utilizando-se reagentes comerciais. A presença de DNA-HPV foi determinada pela técnica Nested-PCR utilizando-se primers específicos. A genotipagem foi avaliada pela técnica de PCR multiplex utilizando-se primers específicos para os tipos virais 6/11, 16 ou 18. Os dados foram avaliados de acordo com a positividade de HPV e o nível de significância adotado foi de 5%. Resultados: Foram selecionadas 52 amostras com diagnóstico anatomo-patológico de CA de mulheres em idade reprodutiva, das quais 15 (29%) apresentaram positividade para o DNA-HPV. A região acometida (colo uterino ou região vulvar e perianal), assim como a idade não diferiram em relação ao resultado de DNA-HPV. Em apenas uma amostra a genotipagem foi obtida satisfatoriamente, a qual apresentou HPV tipo 6/11. Conclusão: Lesões de condiloma acuminado apresentam positividade para DNA-HPV, e, embora não detectado no presente trabalho, essas lesões podem ser reservatórios de HPV de alto risco oncogênico, e, portanto, é importante a avaliação das mesmas quanto à presença de DNA viral e sua genotipagem.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Jossimara Polettini - Coordenador / Gisele Alborghetti Nai - Integrante / ISABELLA FERNANDA SILVA BRANDÃO - Integrante / JÉSSICA CAROLINE LOPES MUNHOZ - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2015 - 2019

    Resultados obstétricos de gestantes atendidas no Ambulatório de Alto Risco do interior do Estado de São Paulo, Descrição: As gestações de Alto Risco são aquelas nas quais condições maternas prévias e ou adquiridas na gestação podem aumentar os riscos de adversidades gestacionais com consequentes morbidades maternas e perinatais, e o processo inflamatório parece influenciar tais desfechos, no entanto, marcadores específicos para prevenir as intercorrências gestacionais decorrentes não estão completamente descritos. OBJETIVOS: Caracterizar as gestações de Alto Risco em relação a gestações sem intercorrências aos aspectos sociodemográficos e obstétricos e relacionar o desfecho gestacional com mediadores inflamatórios no soro materno. MATERIAL E MÉTODOS: Foram incluídas 63 gestantes atendidas no Ambulatório de Alto Risco e 65 gestantes de Baixo Risco, atendidas em Estratégias de Saúde da Família, incluídas como grupo controle, pareadas à idade gestacional de cada amostra de Alto Risco. Os dados pessoais, sociodemográficos e obstétricos foram comparados. O sangue periférico materno foi coletado durante consulta obstétrica, e analisado quanto à presença de citocinas inflamatórias, interleucina (IL)-1, IL-6, IL-8 e fator de necrose tumoral (TNF)- pela técnica de ELISA. RESULTADOS: A mediana da idade materna foi estatisticamente superior nas gestantes de Alto Risco, assim como o número de mulheres declaradas não brancas (pardas e negras), com maior convívio com fumantes, com presença de doenças prévias, multíparas e com abortos anteriores foi estatisticamente maior nesse grupo, a idade gestacional no parto das gestações de Alto Risco foi inferior em relação ao grupo de Baixo Risco, as variáveis tipo de parto, sexo, peso ao nascer e apgar do recém-nascido não diferiram entre os grupos, a concentração de todas as citocinas avaliadas foi estatisticamente inferior no grupo de gestantes de Alto Risco, em relação ao grupo Baixo Risco (p<0,05). Na análise por faixa de idade gestacional, gestantes a termo não apresentaram diferença na concentração de citocinas independente do grupo estudado. CONCLUSÃO: O estudo demostrou características sociodemográficas e gestacionais importantes da população estudada, e não demonstrou aumento de citocinas nas gestações de Alto Risco, provavelmente devido à heterogeneidade dos desfechos que caracterizam esse grupo de estudo, e, a termo, as citocinas inflamatórias participam do processo gestacional independente do grupo estudado.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Jossimara Polettini - Coordenador / Glilciane Morceli - Integrante / Valeria Cataneli Pereira - Integrante., Financiador(es): Universidade do Oeste Paulista - Auxílio financeiro.

  • 2015 - 2019

    Resultados maternos e perinatais de gestantes atendidas no Ambulatório de Alto Risco do interior do Estado de São Paulo, Descrição: INTRODUÇÃO: As gestações de Alto Risco são aquelas nas quais condições maternas prévias e ou adquiridas na gestação podem aumentar os riscos de adversidades gestacionais com consequentes morbidades maternas e perinatais, e o processo inflamatório parece influenciar tais desfechos, no entanto, marcadores específicos para prevenir as intercorrências gestacionais decorrentes não estão completamente descritos. OBJETIVOS: Caracterizar as gestações de Alto Risco em relação a gestações sem intercorrências aos aspectos sociodemográficos e obstétricos e relacionar o desfecho gestacional com citocinas inflamatórias no soro e lavado vaginal materno. MATERIAL E MÉTODOS: Foram incluídas 63 gestantes atendidas no Ambulatório de Alto Risco e 65 gestantes de Baixo Risco, atendidas em Estratégias de Saúde da Família, incluídas como grupo controle, pareadas à idade gestacional de cada amostra de Alto Risco. Os dados pessoais, sociodemográficos, obstétricos e neonatais foram comparados. O sangue periférico materno foi coletado durante consulta obstétrica, assim como lavado vaginal, e analisado quanto à presença de citocinas inflamatórias, interleucina (IL)-1, IL-6, IL-8 e fator de necrose tumoral (TNF)- pela técnica imunoenzimática de ELISA. RESULTADOS: A mediana da idade materna foi estatisticamente superior nas gestantes de Alto Risco, assim como o número de mulheres declaradas não brancas (pardas e negras), com maior convívio com fumantes, com presença de doenças prévias, multíparas e com abortos anteriores foi estatisticamente maior nesse grupo. A idade gestacional no parto das gestações de Alto Risco foi inferior em relação ao grupo de Baixo Risco. A concentração de todas as citocinas avaliadas foi estatisticamente inferior no grupo de gestantes de Alto Risco, em relação ao grupo Baixo Risco (p<0,05). Na análise por faixa de idade gestacional, gestantes a termo não apresentaram diferença na concentração de citocinas independente do grupo estudado. De todas as citocinas avaliadas, apenas IL-6 foi detectável no lavado vaginal, sendo estatisticamente inferior no grupo de gestantes de Alto Risco, em relação ao grupo Baixo Risco. CONCLUSÃO: O estudo demostrou características sociodemográficas e gestacionais importantes da população estudada, e não demonstrou aumento de citocinas nas gestações de Alto Risco, provavelmente devido à heterogeneidade dos desfechos que caracterizam esse grupo de estudo, e, a termo, as citocinas inflamatórias participam do processo gestacional independente do grupo estudado.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Jossimara Polettini - Integrante / Márcia Guimarães da Silva - Integrante / Glilciane Morceli - Coordenador / Valeria Cataneli Pereira - Integrante / Iracema de Mattos Paranhos Calderon - Integrante.

  • 2015 - 2018

    Avaliação do comprimento dos telômeros em membranas corioamnióticas de gestações a termo e na prematuridade espontânea, Descrição: Redução do comprimento dos telômeros é um marcador significativo da senescência. Células senescentes apresentam alteração na expressão gênica, induzindo a produção de mediadores inflamatórios. Assim, destaca-se o possível papel do envelhecimento celular em ativar mecanismos fisiológicos do trabalho de parto e/ou complicações na gravidez. Um mecanismo para compensar a redução do comprimento dos telômeros é a atividade da telomerase; no entanto, seu papel é ainda pouco conhecido em tecidos gestacionais. O objetivo deste estudo foi correlacionar atividade de comprimento e telomerase telômero nas membranas corioamnióticas de gestações a termo e na prematuridade espontânea. Métodos: As amostras foram coletadas de gestantes que desenvolveram trabalho de parto a termo (37 semanas de gestação), termo fora de trabalho de parto, com rotura prematura das membranas pré-termo e trabalho de parto prematuro e membranes intactas (n = 20/grupo). Comprimento dos telômeros e atividade da telomerase foram analisados usando quantificação relativa (T/S) por PCR em tempo real e detecção fluorométrica baseados em PCR, respectivamente. Dados sociodemográficos foram obtidos de prontuários médicos. Os dados foram analisados por Anova ou teste de Kruskal-Wallis. Resultados: Idade materna, etnia e paridade não foram estatisticamente diferentes entre os grupos. Membranas corioamnióticas de gestante em trabalho de parto mostraram menor comprimento dos telômeros em comparação com os outros grupos (p < 0,0002). Atividade de telomerase foi observada em todas as amostras, a média da atividade de telomerase foi menor no grupo de termo em trabalho de parto, porém não estatisticamente diferente. Em nossas amostras, estas variáveis não foram relacionadas à prematuridade. Conclusão: Os resultados sugerem que a senescência em tecido gestacional pode estar relacionada com os mecanismos que desencadeiam o parto fisiológico e, consequentemente, telomerase tende a ser diminuída nesses casos.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Jossimara Polettini - Coordenador / Glilciane Morceli - Integrante / SILVA, MÁRCIA GUIMARÃES - Integrante / Brunna Nepomuceno Colatto - Integrante / Laura A A Schinke - Integrante / Isabela Fiorentino de Souza - Integrante., Financiador(es): Universidade do Oeste Paulista - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1

  • 2014 - 2017

    Análise de mediadores pró e anti-inflamatórios e de marcadores de estresse oxidativo em membranas corioamnióticas de gestações complicadas por parto pré-termo espontâneo, Descrição: Objetivo: Avaliar a expressão de mediadores pró e anti-inflamatórios e de estresse oxidativo nas membranas corioamnióticas de gestações complicadas por TPP e RPM-PT. Pacientes e Métodos: Estudo transversal prospectivo, com amostras de 60 gestantes atendidas no Hospital Universitário Lauro Wanderley da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), sendo 20 gestantes apresentando RPM-PT e 20 gestantes em TPP com bolsa íntegra, que apresentarem parto pré-termo, e 20 gestantes de termo sem quaisquer complicações obstétricas ou comorbidades foram incluidas como controle. As membranas corioamnióticas foram coletadas logo após a dequitação da placenta, fragmentos imediatamente congelados em nitrogênio líquido e submetidos à aálise de expressão proteica dos mediadores pela técnica de Western Blot e a avaliação dos marcadores de estresse oxidativo foi realizada pela técnica de ELISA. Outros fragmentos foram avaliados quanto à análise histopatológica das membranas. Resultados: Níveis de 8-OHdG em membranas corioamnióticas do grupo termo foram significativamente maiores do que o grupo prematuro (p < 0,001). Níveis de 8-OHdG também foram maiores no grupo de termo do que em grupos TPP ou RPM-PT (p < 0,001). Dano oxidativo da proteína, determinado pelos níveis de 3-NT foi menor no grupo TPP comparado ao grupo RPM-PT e termo (p < 0,001). Grupo TPP apresentou maior capacidade antioxidante que os demais grupos (p = 0,002). Conclusão: Nossos dados reforçam que o dano oxidativo está presentes em gestações de termo como processo fisiológico do envelhecimento das membranas e a corioamnionite histológica não alterou o dano oxidativo de proteínas ou capacidade antioxidante independentemente do resultado gestacional.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Jossimara Polettini - Integrante / Márcia Guimarães da Silva - Coordenador / Laura Fernandes Martin - Integrante / Moisés Diogo de Lima - Integrante., Número de produções C, T & A: 1

  • 2012 - 2015

    Estudo in vitro de infecção das membranas corioamnióticas com espécies bacterianas isoladas do trato genital inferior e modulação da resposta imune inata na interface materno-fetal., Descrição: Determinar as relações entre o status microbiológico e a modulação da resposta imune inata na interface materno-fetal em modelos in vitro de infecção das membranas corioamnióticas com espécies bacterianas isoladas do trato genital inferior. Casuística e métodos: A primeira etapa do presente estudo foi o isolamento de espécies bacterianas presentes na microbiota vaginal de 40 mulheres em TPP em diferentes idades gestacionais. Quatro swabs foram acondicionados em meio de transporte de Amies, Tioglicolato, Brain Heart Infusion (BHI) e Toddy-Hewitt para posterior semeadura, utilizando-se meios de cultura específicos, para isolamento de bactérias aeróbias e anaeróbias, sob condições atmosféricas apropriadas. O quinto swab será utilizado na identificação do microbioma vaginal humano, com objetivo de detectar as bactérias não cultiváveis no conteúdo vaginal através da técnica de pirosequenciamento, omplementando a descrição dos micro-organismos isolados por cultura. Resultados: Estimulação dos mycoplasmas genitais não aumentou níveis de citocinas inflamatórias, exceto o Ureaplasma urealyticum que estimulou IL-8. No entanto, U. urealyticum e Mycoplasma hominis aumentaram significativamente os níveis de IL-10 e IL-13. G. vaginalis sozinha ou em combinação com os micoplasmas genitais induziu aumento das todas citocinas. Conclusões: G. vaginalis sustentam uma resposta proinflamatória nas membranas fetais in vitro, enquanto os micoplasmas genitais induzem um forte controle dessa resposta. Processo Fapesp (Auxilio): 2012/17234-1. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) Doutorado: (1) . , Integrantes: Jossimara Polettini - Coordenador / Márcia Guimarães da Silva - Integrante / Nathália Mayumi Noda Nicolau - Integrante / Ramkumar Menon - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 2

  • 2009 - 2017

    Expressão de b defensinas em membranas corioamnióticas de gestações pré-termo complicadas por corioamnionite., Descrição: As membranas corioamnióticas são barreiras mecânicas contra a ascensão de microrganismos e possuem papel fundamental no sistema imune inato, pois apresentam efeito inibitório sobre o crescimento de muitas bactérias, em parte, pela produção de defensinas. Objetivo: Quantificar a expressão de defensinas (HBD1, 2, 3 e 4) por membranas corioamnióticas de gestações complicadas por corioamnionite. Material e Métodos: Fragmentos de membranas corioamnióticas com diagnóstico histológico de corioamnionite, provenientes de gestações complicadas por rotura prematura de membranas pré-termo (RPM-PT) e/ou trabalho de parto prematuro (TPP) serao submetidos à extração de RNA total e posterior utilização na quantificação da expressão genica e proteica de defensinas pela técnica da PCR em tempo real e Western blot and imunohitoquimica, respectivamente. Resultados parciais: O RNAm de HBD-1, HBD-3 e HBD-4 foi detectado em 90% das amostras do grupo G1 e em 73% do G2. Não houve diferença estatisticamente significativa na quantificação relativa de RNAm de HBD-1, HBD-3 e HBD-4, pelas membranas corioamnióticas, entre os grupos G1 e G2. Conclusões: As membranas corioamnióticas são fontes de defensinas e a expressão de HBD-1, HBD-3 e HBD-4 não está associada com presença de corioamnionite histológica. Processos Fapesp: 2009/52317-2 (aux. Financeiro), 2010/14724-2 (Mestrado) e 2009/50663-0 (IC). , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Jossimara Polettini - Coordenador / Márcia Guimarães da Silva - Integrante / José Carlos Peraçoli - Integrante / Juliana Takitane - Integrante / Nathália Mayumi Noda Nicolau - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 4

  • 2008 - 2016

    Associação de carga viral e estado de integração de HPV e perfil de citocinas em mulheres com neoplasia intraepitelial cervical e cancer cervical, Descrição: Objetivo: Avaliar a concentração de IL-2, IL-4, IL-6, IL-10, IL-12, IFN-g e TNF-a na secreção cervical e no soro de mulheres portadoras de lesão intraepitelial de baixo grau (LIEBG), lesão intraepitelial de alto grau (LIEAG) e carcinoma epidermóide invasor (CE) e relacionais com a presença e tipo de HPV. Métodos: Estudo da concentração de citocinas cervicais e séricas de mulheres com diagnóstico histopatológico de LIEBG, LIEAG, CE e mulheres com suspeita de doença HPV induzida, mas sem alterações histopatológicas na biópsia do colo do útero (grupo controle), através da técnica de ELISA. Pesquisa de HPV nas biópsias e genotipagem empregando-se a técnica de PCR primers específicos e confirmação pela técnica de RFLP. Resultados parciais: DNA-HPV foi detectado em 90% das amostras do grupo controle, 93,7% no grupo LIEBG, 100% no grupo LIEAG e 84,6% no grupo CE. O genótipo prevalente foi o HPV 16. Os níveis de IL-4, IL-6 e IL-10 na secreção cervical estiveram aumentados nas pacientes com CE em relação aos demais grupos. No soro, o nível de IL-6 esteve aumentado nas pacientes com LIEAG. Conclusão: O aumento de citocinas de padrão Th2 no soro e na secreção cervical de mulheres com LIEAG e CE está relacionado com a progressão das lesões intraepiteliais. Processos Fapesp: 2008/58861-3 (Aux. Financeiro) e 2009/50258-9 (Bolsa IC).. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Jossimara Polettini - Integrante / João Manuel Grisi Candeias - Integrante / Márcia Guimarães da Silva - Integrante / Daniele Ferreira Silva - Integrante / Paulo Traiman - Integrante / Lenira M Q Mauad - Integrante / Maira B Mosch - Integrante / Larissa Doddi Marcolino - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 2

  • 2008 - 2013

    Contribuição ao entendimento dos mecanismos envolvidos na rotura prematura de membranas, Descrição: Sub-Projeto 1: Expressão de citocinas pró-inflamatórias por células amnióticas, coriônicas e deciduais de gestantes com rotura prematura de membranas pré-termo. Sub-Projeto 2: Avaliação da localização, expressão e atividade de MMP-2, MMP-9, TIMP-1 e TIMP-2 em gestações complicadas por rotura prematura de membranas. Sub-Projeto 3: Determinação do índice apoptótico em membranas corioamnióticas de gestações complicadas por rotura prematura de membranas. Processos Fapesp: 2010/50065-3 (Aux. Financeiro), 2009/18407-4 e 2010/05604-3 (Bolsas IC) e 2011/20565-7 (Treinamento técnico). , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Jossimara Polettini - Integrante / Márcia Guimarães da Silva - Coordenador / José Carlos Peraçoli - Integrante / Ana Carolina Pereira - Integrante / Natália Prearo Moço - Integrante / Nathália Mayumi Noda Nicolau - Integrante / Laura Fernandes Martin - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1

  • 2008 - 2011

    Repercussões no período neonatal de gestações complicadas por corioamnionite histológica, Descrição: Introdução: Corioamnionite histológica é definida pela infiltração das membranas fetais por leucócitos polimorfonucleares, sendo que a maioria dos casos ocorre na ausência de sinais clínicos e sintomas de infecção. Essa condição histopatológica ocorre em cerca de 20% das gestações de termo e em mais de 50% das gestações pré-termo. As repercussões no período neonatal, decorrentes de gestações complicadas por corioamnionite, vêm sendo avaliadas, porém os resultados ainda são inconsistentes. Objetivo: Avaliar repercussões neonatais de gestações pré-termo complicadas por corioamnionite histológica. Material e Métodos: Trata-se de estudo retrospectivo, no qual foram avaliadas 284 gestantes que apresentaram parto pré-termo, atendidas no Serviço de Obstetrícia do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu, Unesp, no período de 2003 a 2010. Os dados sócio-demográficos das gestantes incluídas no estudo, dos desfechos gestacionais e das repercussões neonatais foram coletados a partir da análise dos prontuários médicos das gestantes e dos respectivos recém-nascidos. As variáveis sócio-demográficas avaliadas foram idade materna, etnia e hábito tabagista. As variáveis obstétricas foram idade gestacional no parto, tipo de parto, paridade, intercorrências gestacionais anteriores, corioamnionite clínica além de comorbidades maternas associadas. Resultados: A prevalência de corioamnionite histológica foi de 33,8% (96/284) nas gestações pré-termo avaliadas e correlacionou-se com a idade materna, tipo de parto, idade gestacional e ocorrência de Rotura Prematura de Membranas Pré-Termo. Em relação às repercussões no período neonatal, a corioamnionite histológica esteve relacionada com menor peso do recém-nascido, menor Apgar de 5 minutos, necessidade de ventilação mecânica e pneumonia. Conclusão: Em estudo retrospectivo de gestações pré-termo foi possível determinar associação entre corioamnionite histológica e repercussões no período neonatal.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Jossimara Polettini - Coordenador / Márcia Guimarães da Silva - Integrante / Bruna R. A. Ramos - Integrante / Natália Prearo Moço - Integrante / Grazielli Galvão - Integrante / Laura Fernandes Martin - Integrante / Larissa Doddi Marcolino - Integrante.

  • 2008 - 2011

    Expressão de receptores Toll-like -1, -2, -4, e -6 em membranas corioamnióticas de gestações pré-termo complicadas por corioamnionite, Descrição: Objetivo: Investigar a expressão de receptores Toll - like -1, -2, -4 e - 6 em membranas corioamnióticas de gestações complicadas por corioamnionite. Material e Métodos: Foram incluídas 115 membranas corioamnióticas de gestantes que apresentaram parto pré-termo (PT) e parto de termo (GT), na ausência ou na presença de corioamnionite. Fragmentos das membranas corioamnióticas foram encaminhados à análise histopatológica para confirmação de corioamnionite histológica. Outros fragmentos foram submetidos à extração de RNA total e quantificação da expressão de TLR-1,TRL-2, TLR-4 e TLR-6 pela técnica da PCR em tempo real Resultados: Todas as membranas analisadas expressaram TLR-1 e TLR-4 enquanto que 99,1% delas expressaram TLR-2 e 77,4% expressaram TLR-6. A expressão de TLR-1 e TLR-2 nas membranas de gestações pré-termo foi superior na presença de corioamnionite. Entre as membranas de gestações de termo não houve diferença na expressão desses mesmos receptores. Em relação à expressão de TLR-4 e TLR-6, não houve diferença nas membranas de gestações pré-termo ou de termo, na presença ou não de corioamnionite. Conclusão: A expressão de TLR-1 e de TLR-2 é modulada pela presença de corioamnionite histológica em gestações pré-termo. Processo Fapesp 2008/55418-1 (Ax Financeiro) e 2008/53382-0 (Bolsa IC).. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Jossimara Polettini - Integrante / Márcia Guimarães da Silva - Integrante / José Carlos Peraçoli - Integrante / Ana Carolina Pereira - Integrante / Natália Prearo Moço - Coordenador / Laura Fernandes Martin - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 3

  • 2006 - 2011

    Análise da expressão de IL-18 em gestantes complicadas por rotura prematura de membranas pré-termo, Descrição: Objetivo: Avaliar a expressão de IL-18 pelas membranas corioamnióticas de gestações complicadas por rotura prematura de membranas pré-termo (RPM-PT) em relação às gestações de termo. Materiais e métodos: O estudo incluiu 42 gestantes nos seguintes grupos: RPM-PT fora de trabalho de parto (n = 28) e gestantes de termo, com membranas íntegras, fora de trabalho de parto, que foram submetidas à cesárea eletiva (n = 14), constituindo o grupo controle do estudo. Fragmentos das membranas corioamnióticas das gestantes elegíveis ao estudo foram encaminhados à análise histopatológica. A expressão de RNA mensageiro (RNAm) de IL-18 pelas membranas corioamnióticas foi avaliada pela técnica de PCR em tempo real. A expressão proteica e imunolocalização de IL-18 foi analisada pelas técnicas de western blot e imunoistoquímica, respectivamente. A análise estatística foi realizada empregando-se o Teste de Mann-Whitney ou Teste Exato de Fisher. Resultados: O RNAm de IL-18 esteve presente em 100% as amostras, demonstrando expressão constitutiva de IL-18 pelas membranas corioamnióticas, e não foi observada diferença estatisticamente significativa na expressão de IL-18 entre os grupos de gestações de termo e com RPM-PT (fold-change 0.12; p=0.88). No grupo RPM-PT, o mesmo resultado foi encontrado considerando a idade gestacional no parto (fold-change 0.11; p=0.42) ou a presença de corioamnionite histológica (fold-change 0.26; p=0.15). Processo Fapesp 2008/55417-5 (Auxilio). , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Jossimara Polettini - Coordenador / Márcia Guimarães da Silva - Integrante / José Carlos Peraçoli - Integrante / Eliane Passarelli Vieira - Integrante / Mariana Perlati dos Santos - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 2

  • 2006 - 2009

    Prevalência de cervicite por Chlamydia trachomatis em gestantes atendidas em ambulatório de infecção genital, Descrição: Objetivo: Avaliar a prevalência de cervicite por Chlamydia. trachomatis em gestantes atendidas pelo Ambulatório de Infecção Genital. Pacientes e Métodos: Foram incluídas no estudo 51 gestantes, atendidas em consulta ginecológica no período de junho de 2006 a abril de 2007. Durante exame especular, foi colhida secreção cervical com cytobrush para pesquisa de C. trachomatis. A presença de DNA de C. trachomatis foi identificada pela reação em cadeia da polimerase (PCR). A avaliação da microbiota vaginal foi realizada através da coloração de amostras do conteúdo vaginal pelo método de Gram. Resultados: Das 51 amostras analisadas, 7 (13,7%) foram positivas para C. trachomatis. A mediana da idade materna das pacientes com infecção clamidiana foi de 22,0 (13,0 40,0) anos e 57,1% delas possuiam co-infecção no trato genital inferior. Conclusão: A prevalência de cervicite por C. trachomatis em gestantes atendidas no Ambulatório de Infecção Genital é alta e a busca ativa dessa infecção durante o pré-natal se faz necessária para reduzir possíveis intercorrências obstétricas e neonatais.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Jossimara Polettini - Integrante / Márcia Guimarães da Silva - Integrante / Eliane Passarelli Vieira - Integrante / Andreia da Rocha Tristão - Integrante / Marilza Vieira Cunha Rudge - Integrante / Bruna R. A. Ramos - Coordenador / Larissa Doddi Marcolino - Integrante., Número de produções C, T & A: 2

  • 2006 - 2008

    Co-infecção de Chlamydia trachomatis e HPV em mulheres com condiloma acuminado., Descrição: Objetivo: avaliar a taxa de coinfecção de C. trachomatis e HPV em mulheres com condiloma acuminado. Métodos: foram incluídas no estudo 30 mulheres com diagnóstico clínico e histopatológico de condiloma acuminado em região vulvar, vaginal ou perianal. As lesões genitais foram excisadas e seccionadas em duas metades, uma para exame histopatológico e outra para extração orgânica de DNA. A detecção do DNA de HPV nas amostras foi realizada empregando-se a reação em cadeia por polimerase (PCR), com posterior genotipagem pela reação de PCR multiplex com primers específicos para diferentes tipos virais. A pesquisa de C. trachomatis também foi realizada por PCR, empregando-se os primers PCT1 e PCT2. Resultados: a positividade de DNA-HPV nas amostras de condiloma acuminado foi de 100%, sendo detectados genótipos 6/11 em 33,3% das amostras, genótipo 18 em 6,7% e infecção por múltiplos genótipos em 56,7% das lesões, e em apenas uma amostra (3,3%) o genótipo não foi identificado. A positividade de C. trachomatis no canal cervical das mulheres com condiloma acuminado foi de 33,3%. Conclusão: A taxa de coinfecção de C. trachomatis e HPV, em mulheres com condiloma acuminado, é alta e a estratégia de rastreamento e tratamento da infecção clamidiana poderia ser incorporada na rotina ginecológica desse grupo de pacientes.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Jossimara Polettini - Integrante / Rodrigo Alessandro Riemma Vela - Integrante / João Manuel Grisi Candeias - Integrante / Márcia Guimarães da Silva - Integrante / Andreia da Rocha Tristão - Integrante / Larissa Doddi Marcolino - Coordenador., Número de produções C, T & A: 1

  • 2005 - 2007

    Análise quantitativa da expressão de citocinas inflamatórias em membranas corioamnióticas de gestantes com rotura prematura de membranas pré-termo, Descrição: Objetivo: quantificar a expressão das citocinas inflamatórias interleucina (IL) -1b, IL-6, IL-8 e fator de necrose tumoral (TNF-a) pelas membranas corioamnióticas de gestantes com Rotura Prematura de Membranas-Pré-Termo (RPM-PT), e avaliar a correlação dessa expressão com a presença e intensidade do infiltrado inflamatório nas membranas e decídua. Casuística e Métodos: Foram incluídas no estudo, 25 gestantes com RPM-PT em trabalho de parto e 15 gestantes com RPM-PT fora do trabalho de parto. Como grupo controle foram avaliadas 25 gestantes em trabalho de parto prematuro (TPP) e bolsa íntegra. Fragmentos das membranas corioamnióticas foram submetidos à extração de RNA total e a quantificação do RNA mensageiro (RNAm) das citocinas inflamatórias foi realizada pela técnica de PCR em tempo real. Análise histopatológica foi realizada para avaliação da presença do infiltrado inflamatório. Resultados: A incidência de RPM-PT foi de 4,6%. A presença de infiltrado inflamatório nas membranas corioamnióticas e/ou decídua foi de 75% no grupo RPM-PT. A concentração relativa de RNAm de IL-1b, IL-6 e IL-8 não foi estatisticamente diferente nos grupos estudados. Para TNF-a, a concentração relativa de RNA foi estatisticamente superior nas membranas de gestantes com TPP em relação aos grupos com RPM-PT. Não houve diferença na intensidade de RNAm das citocinas de interesse em relação à intensidade do infiltrado inflamatório. Conclusão: As membranas corioamnióticas são fontes de IL-1b, IL-6, IL-8 e TNF-a e a concentração de RNAm dessas citocinas, na RPM-PT, não está relacionada à intensidade do infiltrado inflamatório presente nas membranas. Processo Fapesp: 03/13268-0 (Aux. Financeiro) e 2003/11731-4 (Bolsa IC).. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Jossimara Polettini - Coordenador / Márcia Guimarães da Silva - Integrante / Camila Marconi - Integrante / Eliane Passarelli Vieira - Integrante / Ana Carolina Pereira - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 2

  • 2005 - 2006

    Detecção e genotipagem de papilomavírus humano em lesões de queratoacantoma solitário de pacientes imunocompetentes., Descrição: Objetivos: Avaliar a prevalência de DNA do HPV, bem como seus genótipos, em lesões de queratoacantoma solitário de pacientes imunocompetentes. Casuística e métodos: Foram estudados queratoacantomas de pacientes sem evidências de imunocomprometimento, excisados entre 1996 e 2000 em hospital universitário. Realizaram-se cortes histológicos, desparafinização e extração de DNA desses fragmentos. Os espécimes positivos para DNA de HPV foram submetidos ao seqüenciamento gênico, para determinação do genótipo. Resultados: Foram estudados 58 pacientes com idade média de 64,513,8 anos. A proporção entre os sexos foi semelhante e a localização mais comum, os membros superiores (50%), seguidos pela face (27,6%). Detectou-se DNA de HPV em 48 (82,7%) fragmentos de queratoacantomas, sendo os genótipos 6, 11 e 16 os prevalentes. Conclusão: A alta prevalência do achado de DNA de HPV em lesões de queratoacantoma solitário pode sugerir a participação viral na sua oncogênese.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Jossimara Polettini - Integrante / Rodrigo Alessandro Riemma Vela - Coordenador / Hélio Amante Miot - Integrante / João Manuel Grisi Candeias - Integrante / Mariangela Esther Alencar Marques - Integrante / Márcia Guimarães da Silva - Integrante / Hamilton Ometto Stolf - Integrante / Ana Laura Bastos da Costa - Integrante / Cristiane Yuri Matsuo - Integrante., Número de produções C, T & A: 1

  • 2004 - 2008

    Estudo comparativo morfofuncional e expressão de receptor de melanocortina do tipo 1 em lesões de melasma, Descrição: Avaliar a secreção do -MSH e expressão epidérmica de MC1-R em amostras de melasmas. Casuística e métodos: Foram realizadas biópsias de pele com melasma e sã adjacente em 44 pacientes. Parte dos fragmentos obtidos foi submetida à coloração de HE, Fontana-Masson e imunohistoquímica com Melan-A, -MSH e MC1-R, outra parte foi processada para análise por microscopia eletrônica de transmissão e em alguns casos, submetidos à análise da expressão gênica do MC1-R pela técnica de PCR em tempo real. Foi observado aumento do infiltrado linfohistiocitário e da elastose solar dérmicos na pele com melasma, assim como significativo aumento da melanina epidérmica. À microscopia eletrônica, demonstrou-se número aumentado de melanossomas maduros nos ceratinócitos e melanócitos com organelas citoplasmáticas mais proeminentes na pele com melasma. Não se evidenciaram diferenças entre o número de melanócitos entre os grupos, mas estes foram mais volumosos e com dendritos mais proeminentes na pele lesada. As imunohistoquímicas pelo -MSH e pelo MC1-R revelaram significativa marcação na epiderme com melasma. A quantificação relativa de RNAm de MC1-R não demonstrou diferença estatisticamente significativa entre as amostras. Produção: doi: 10.1097/DAD.0b013e3181cd4396. Processo Fapesp 04/03135-5.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Jossimara Polettini - Integrante / Hélio Amante Miot - Integrante / Luciane Donida Bartoli Miot - Coordenador / Mariangela Esther Alencar Marques - Integrante / Márcia Guimarães da Silva - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 2

  • 2004 - 2006

    Relação de infectividade entre Papilomavírus Humano (HPV) e Chlamydia trachomatis em gestantes com lesões clinicamente sugestivas de doença HPV induzida, Descrição: Objetivo: Avaliar a relação de infectividade entre HPV e Chamydia trachomatis em gestantes com lesões clínicas sugestivas de doença HPV induzida. Casuística e Métodos: Foram incluídas no estudo 128 gestantes atendidas no Ambulatório de Infecções Genitais do Hospital das Clínicas, Faculdade de Medicina de Botucatu, UNESP, entre março de 2001 e julho de 2005. Durante o exame especular, a secreção cervical foi colhida com cytobrush para pesquisa de C. trachomatis e o conteúdo vaginal para avaliação da microbiota corado pelo método de Gram. O raspado de lesões sugestivas de doença HPV induzida ou os fragmentos retirados por biópsia foram armazenados e submetidos à pesquisa de HPV. A pesquisa de DNA HPV e de C. trachomatis foram realizadas por PCR, Os HPV?s foram genotipados por seqüenciador automático ABI 377 (Appied Biosystems), utilizando-se os primers MY09 e MY11. Os dados sócio-demográficos e clínicos das pacientes foram registrados em formulário próprio. Resultados: A positividade de infecção clamidiana foi 23,4%, e a presença de DNA HPV nas lesões foi de 77,3%, sendo os genótipos 06 e 18 os mais freqüentes. A co-infecção entre HPV e C. trachomatis foi de 17,2%, sendo estatisticamente significativa a relação entre presença de DNA HPV nas lesões e infecção clamidiana (x2=54,4; p<0,001). Conclusão: Há relação de infectividade entre HPV e C. trachomatis em gestantes com lesões genitais sugestivas de doença HPV induzida.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (2) . , Integrantes: Jossimara Polettini - Integrante / Rodrigo Alessandro Riemma Vela - Coordenador / João Manuel Grisi Candeias - Integrante / Márcia Guimarães da Silva - Integrante / Andreia da Rocha Tristão - Integrante., Número de produções C, T & A: 1

  • 2004 - 2004

    Pesquisa de citocinas em membranas corioamnióticas de gestantes com rotura prematura de membranas pré-termo: correlação entre expressão e intensidade do infiltrado inflamatório, Descrição: Introdução: A Rotura Prematura de membranas Pré-Termo (RPM-PT) é um dos principais problemas da Clínica Obstétrica, com etiologia relacionada à ascensão bacteriana do trato genital inferior para decídua e membranas corioamnióticas. Objetivos: Correlacionar a expressão de citocinas com a intensidade do infiltrado inflamatório presente nas membranas corioamnióticas de gestantes com RPM-PT. Material e Métodos: Foram estudadas 30 mulheres com gestação única, cuja rotura de membranas ovulares tenha ocorrido espontaneamente entre 26 e 36 semanas de gestação e que estejam em trabalho de parto e 30 gestantes com RPM-PT fora do trabalho de parto. Como grupos controle, foram avaliadas 30 gestantes em trabalho de parto prematuro (TPP) entre 26 e 36 semanas de gestação e bolsa íntegra. As membranas corioamnióticas foram coletaddas logoa após a dequitação da placenta e fragmentos froam imediatamente armazenados a -80C para posterior semi-quantificação do RNA mensageiro pela técnica de RT-PCR. Outros fragmentos foram submetidos ao estudo histopatológico das membranas e análise semi-quantitativa do infiltrado inflamatório presente nessas membranas. Processo Fapesp: 03/13268-0 (Aux. Financeiro) e 2003/11731-4 (Bolsa IC).. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (3) . , Integrantes: Jossimara Polettini - Coordenador / Márcia Guimarães da Silva - Integrante / José Carlos Peraçoli - Integrante / Maria Terezinha Serrão Peraçoli - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2003 - 2010

    Estimativa da prevalência dos genotipos do Papilomavírus Humano em pacientes portadores de verrugas genitais: correlação clinico-histopatológica, Descrição: Objetivo: estimar a prevalência dos genotipos do HPV em pacientes portadores de verrugas genitais e sua correlação clínico-histopatológica. Casuística e Métodos: Foram incluídos no estudo pacientes do sexo masculino com lesões genitais. Foi realizada ressecção pela base com lâmina de bisturi. e seccionada em 2 metades, uma com posterior acondicionamento em frasco contendo formol 10% para exame histopatológico e outra adicionada em solução de TET para extração orgânica de DNA e detecção do DNA de HPV através da reação de PCR, utilizando-se os primers GP5+/GP6+. A tipagem viral foi realizada através da reação de hibridização em pontos ("dot-blot") com sondas de oligonucleotídeos marcadas com fluoresceína (sistema Gene Images 3' -oligolabelling and detection system) específicas diferentes tipos de HPV. Resultados: A mediana das idades dos pacientes incluídos no estudo foi de 25 anos (17-65), 93,8% eram heterossexuais e 37,5% tabagistas. A positividade de HPV nas amostras foi de 78,2%, sendo detectado HPV tipo 6 em 56,0%, e tipo 11 em 20,0% das amostras. A infecção mista de HPV 6 e 11 foi detectada em 20,0% das amostras positivas. O diagnóstico histopatológico de condiloma acuminado esteve presente em 71,9% das lesões analisadas. A concordância, dada pelo índice de kappa, entre as variáveis diagnóstico histopatológico de condiloma acuminado e positividade do DNA de HPV pela técnica de PCR foi de 0,668 (IC=0,372-0,965). Conclusão: O perfil dos pacientes masculinos com doença HPV induzida é de jovens heterossexuais e existe estreita concordância entre o diagnóstico histopatológico de condiloma acuminado e presença de DNA do HPV nas lesões estudadas pela técnica de PCR.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Jossimara Polettini - Coordenador / Rodrigo Alessandro Riemma Vela - Integrante / Hélio Amante Miot - Integrante / Luciane Donida Bartoli Miot - Integrante / João Manuel Grisi Candeias - Integrante / Mariangela Esther Alencar Marques - Integrante / Márcia Guimarães da Silva - Integrante., Financiador(es): Fundação para o Desenvolvimento da UNESP - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1

Prêmios

2020

Menção Honrosa pelo melhor trabalho apresentado da área CIÊNCIAS DA SAÚDE, X JORNADA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA da Universidade Federal da Fronteira Sul - X JIC/UF.

2019

Patronesse da IX turma de Biomedicina, Universidade do Oeste Paulista, UNOESTE.

2017

2o lugar APRESENTAÇÃO ORAL - Trabalho de Graduação - XVII Workshop de Genética, Departamento de Genética, Instituto de Biociências de Boatucatu, UNESP.

2017

Professor homenageado VI turma de Biomedicina, Universidade do Oeste Paulista, UNOESTE.

2016

Professor homenageado IV turma de Biomedicina, Universidade do Oeste Paulista, UNOESTE.

2014

2014 SRI New Investigator Poster Award, Society for Reproductive Investigation.

2010

1o. Lugar na Apresentação Oral de trabalhos Clínicos do VI Encontro de Pós-graduação da Faculdade de Medicina de Botucatu, Faculdade de Medicina de Botucatu.

2009

1o. Melhor trabalho apresentado na forma de painel, V Encontro de Pós-Graduaçao da Faculdade de Medicina de Botucatu.

2008

2 lugar do prêmio de investigação, 63 Congresso da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

2008

2o Lugar Prêmio Categoria Trabalho de Investigação, XXXIII Jornada Gaucha de Dermatologia / IV Congresso Latino-Americano de Fotobiologia e Fotomedicina.

2007

3° lugar do prêmio do III Encontro de Pós-Graduação da Faculdade de Medicina de Botucatu, Faculdade de Medicina de Botucatu.

2005

2 lugar do Prêmio de Investigação Científica, X Reunião Anual dos Dermatologistas do Estado de São Paulo.

Histórico profissional

Endereço profissional

  • Universidade Federal da Fronteira Sul, Campus Passo Fundo. , Rua Capitão Araújo 20, Centro, 99010200 - Passo Fundo, RS - Brasil, Telefone: (54) 33358515, Ramal: 8541

Experiência profissional

2016 - 2018

Universidade do Oeste Paulista

Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Vice-coordenador - Mestrado Ciências Saúde, Carga horária: 20

2015 - 2018

Universidade do Oeste Paulista

Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor, Carga horária: 24

Atividades

  • 08/2016 - 07/2018

    Ensino, Fisioterapia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Patologia Geral

  • 08/2016 - 07/2018

    Conselhos, Comissões e Consultoria, Universidade do Oeste Paulista - UNOESTE.,Cargo ou função, Membro do Núcleo Docente Estruturante - NDE - do Curso de Biomedicina.

  • 08/2015 - 07/2018

    Ensino, Nutrição, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Patologia Geral

  • 08/2015 - 07/2018

    Conselhos, Comissões e Consultoria, Universidade do Oeste Paulista - UNOESTE.,Cargo ou função, Membro do Colegiado do Curso de Biomedicina.

  • 03/2015 - 07/2018

    Pesquisa e desenvolvimento, Universidade do Oeste Paulista - UNOESTE.,Linhas de pesquisa

  • 03/2015 - 07/2018

    Ensino, Biomedicina, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Biologia Molecular, Delineamento Experimental e de Projetos, Patologia Geral

  • 03/2015 - 07/2018

    Ensino, Enfermagem, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Biologia Tecidual, Patologia Geral

  • 03/2015 - 07/2018

    Outras atividades técnico-científicas , Universidade do Oeste Paulista - UNOESTE, Universidade do Oeste Paulista - UNOESTE.,Atividade realizada, Membro do GAP - Grupo de Apoio à Pesquisa do Curso de Biomedicina.

  • 03/2015 - 07/2018

    Conselhos, Comissões e Consultoria, Universidade do Oeste Paulista - UNOESTE.,Cargo ou função, Membro e Parecerista do CAPI - Comitê Assessor de Pesquisa Institucional.

  • 03/2015 - 12/2017

    Conselhos, Comissões e Consultoria, Universidade do Oeste Paulista - UNOESTE.,Cargo ou função, Membro Diretor do NIPES - Núcleo Institucional Pesquisa em Saúde.

2013 - 2014

The University of Texas Medical Branch at Galveston

Vínculo: , Enquadramento Funcional: Research Fellow, Carga horária: 40

2012 - 2013

The University of Texas Medical Branch at Galveston

Vínculo: Estágio Pos Doutoral, Enquadramento Funcional: Estágio Pos Doutoral, Regime: Dedicação exclusiva.

2012 - 2012

Universidade Positivo

Vínculo: Celetista formal, Enquadramento Funcional: Professor, Carga horária: 20

Outras informações:
Disciplina: Atividade Práticas de Laboratório Clínico em Biomedicina Ementa: Iniciar a integração dos alunos de biomedicina às atividades básicas de um Laboratório Clínico, especialmente coleta de materiais biológicos. pipetagens, preparo de soluções, corantes, reagentes e meios de culturas. Cuidados no uso e manipulação de equipamentos. Transmitir conhecimentos de Biossegurança e do mercado profissional.

Atividades

  • 02/2012 - 07/2012

    Ensino, Biomedicina, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Atividades Práticas de Laboratório Clínico em Biomedicina

  • 02/2012 - 07/2012

    Conselhos, Comissões e Consultoria, Universidade Positivo - Curso de Graduação em Biomedicina.,Cargo ou função, Membro do NDE - Núcleo Docente Estruturante.

2011 - 2014

Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho

Vínculo: Pos Doutorado, Enquadramento Funcional: Pos Doutorado, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

2007 - 2011

Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho

Vínculo: Doutoranda, Enquadramento Funcional: Doutoranda, Regime: Dedicação exclusiva.

2010 - 2010

Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho

Vínculo: Estágio Docência, Enquadramento Funcional: Estágio Docência, Carga horária: 4

Outras informações:
Estágio de docência realizado na Disciplina: Anatomia Patológica Geral, Curso: Enfermagem, sob supervisão da Profa. Dra. Carla Adriane da Silva Franchi.

2008 - 2008

Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho

Vínculo: Estágio, Enquadramento Funcional: Estágio Docência, Carga horária: 4

Outras informações:
Estágio de Docência realizado na disciplina "Patologia Geral", sob supervisão da docente responsável Profa. Dra. Márcia Guimarães da Silva.

2005 - 2007

Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho

Vínculo: Mestranda, Enquadramento Funcional: Mestranda, Regime: Dedicação exclusiva.

2003 - 2004

Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho

Vínculo: Estagiária, Enquadramento Funcional: Estagiária

Outras informações:
Janeiro de 2003 - Carga horária: 40 horas semanais; Março a Dezembro de 2004 - Carga horária: 12 horas semanais

2003 - 2004

Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho

Vínculo: Aluna de Iniciação Científica, Enquadramento Funcional: Estagiária, Carga horária: 40

Outras informações:
Realização de Iniciação Científica - Bolsa Fapesp processo 2003/11731-4

Atividades

  • 07/2006 - 07/2006

    Outras atividades técnico-científicas , Faculdade de Medicina de Botucatu, Faculdade de Medicina de Botucatu.,Atividade realizada, Coordenação de estágio de curta duração no Laboratório de Patologia Placentária, com realização de técnicas de Biologia Molecular, carga horária total de 40 horas..

  • 03/2004 - 12/2004

    Estágios , Faculdade de Medicina de Botucatu, Departamento de Patologia.,Estágio realizado, Laboratório de Citologia do departamento de Patologia da Faculdade de Madicina de Botucatu, UNESP, carga horária total de 480 horas, sob orientação da Dra. Maria Luiza C.S. de Oliveira.

  • 02/2004 - 05/2004

    Outras atividades técnico-científicas , Faculdade de Medicina de Botucatu, Faculdade de Medicina de Botucatu.,Atividade realizada, Monitoria Voluntária na Disciplina de Patologia Geral, ministrada aos alunos do 2°ano do Curso de Nutrição dessa Instituição..

  • 01/2003 - 01/2003

    Estágios , Faculdade de Medicina de Botucatu, Departamento de Microbiologia.,Estágio realizado, Seção Técnica de Laboratórios e Análises Clínicas do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu - Laboratório de Microbiologia, carga horária total de 160 horas de estágio supervisionado.

2020 - Atual

Universidade Federal da Fronteira Sul

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Docente Permanente PG, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Outras informações:
Programa de Pós-Graduação em Ciências Biomédicas

2019 - Atual

Universidade Federal da Fronteira Sul

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Comissão avaliação condição Étnico-Racial, Carga horária: 2

Outras informações:
Membro da Comissão responsável pela homologação do documento necessário (autodeclaração) à comprovação da condição Étnico-Racial de candidatos convocados para matrícula nos cursos de Graduação e Pós-Graduação da Universidade Federal da Fronteira Sul. Portaria N.16/PROGRAD/UFFS/2019 e Portaria N. 07/PROGRAD/UFFS/2020

2019 - Atual

Universidade Federal da Fronteira Sul

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Membro do Comitê Assessor de Pesquisa, Carga horária: 4

Outras informações:
Suplente 2019:Portaria n.197/GR/UFFS/2019 Titular 2020: Portaria n. 1268/GR/UFFS/2019

2019 - Atual

Universidade Federal da Fronteira Sul

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Membro Conselho Universitário, Carga horária: 2

Outras informações:
RESOLUÇÃO N 15/CONSUNI/UFFS/2019

2018 - Atual

Universidade Federal da Fronteira Sul

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

2018 - Atual

Universidade Federal da Fronteira Sul

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Membro Suplente do Colegiado, Carga horária: 2

Outras informações:
MEM 31/CCM ? PF/UFFS/2018 e RESOLUÇÃO N° 004/2019 - CONSEC-PF/UFFS/2019

2018 - Atual

Universidade Federal da Fronteira Sul

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Núcleo Permanente Pessoal Docente - PF, Carga horária: 4

Outras informações:
RESOLUÇÃO N 004/CONSC-PF/UFFS/2018 PORTARIA N 3/DIR-PF/UFFS/2021

2018 - 2020

Universidade Federal da Fronteira Sul

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Comissão Permanente Pessoal Docente, Carga horária: 4

Outras informações:
Termo de Posse n.10/2018 - CPPD

2018 - 2020

Universidade Federal da Fronteira Sul

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Membro de Grupo de Trabalho, Carga horária: 4

Outras informações:
Membro do Grupo de Trabalho (GT) responsável pela elaboração do projeto e implantação do Programa de Pós-Graduação em Ciências Biomédicas, Campus Chapecó, UFFS. Portaria 52/PROPEPG/UFFS/2018

Atividades

  • 08/2018

    Pesquisa e desenvolvimento, Campus Passo Fundo.,Linhas de pesquisa