Suely Aldir Messeder

Possui graduação em Ciências Sociais pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), mestrado pelo Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais pela UFBA e doutorado em Antropologia pela Universidade Santiago de Compostela, validado no Brasil pelo Programa de Pós-Graduação em Antropologia - UFBA. É professora adjunta da Universidade do Estado da Bahia - UNEB. Foi coordenadora do Doutorado Multi-institucional e Multidisciplinar em Difusão do Conhecimento e professora permanente do Programa de Pós-Graduação Mestrado em Crítica Cultural do Campus II - Alagoinhas. É coordenadora do Grupo de Pesquisa Enlace e foi primeira secretaria da ABEH (Associação Brasileira de Estudos de Homocultura) no decorrer da gestão de 2010-2012. É gestora do termo de Cooperação Técnica entre o Ministério Público e a Universidade do Estado da Bahia para a articulação e interação em atividades da área técnica-científica, tendo por objetivo a proteção e a defesa dos direitos humanos da população LGBT. É associada ao GT de Homocultura e Linguagens da ANPOLL. Atualmente é Membro da Câmara Básica de Assessoramento e Avaliação Técnica da FAPESB.Seus interesses em ensino, pesquisa e extensão estão nas áreas de sexualidades, homocultura, masculinidades, relações de gênero, corpo, relações étnico-raciais, baianidade, fluxos migratórios, antropologia urbana, teoria cognitivista, teoria feminista e teoria queer.

Informações coletadas do Lattes em 19/12/2018

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em Cuestions de Filosofia

2003 - 2008

Universidad de Santiago de Compostela
Título: Continuidades y discontinuidades en los actos performativos masculinos de autóctonos e inmigrantes: un estudio sobre masculinidades hegemónicas y subalternas en Galicia.
Orientador: Lourdez Mendez Y Maria Jose Agra Romero
Bolsista do(a): Universidade do Estado da Bahia, UNEB -PPG-PAC, Brasil. Palavras-chave: masculinidades,sexualidades; corpo, genero; ato performativo; Migraçoes Internacionais.Grande área: Ciências HumanasGrande Área: Ciências Humanas / Área: Antropologia. Setores de atividade: Educação.

Mestrado em Ciências Sociais

1997 - 1999

Universidade Federal da Bahia
Título: É só um jeito de corpo: um estudo sobre masculinidades a partir das representações e do uso do corpo por jovens, negros, de setores populares na Cidade do Salvador,Ano de Obtenção: 2000
Mary Garcia Castro.Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.

Aperfeiçoamento em Met. Pesq. em Genero, Sexualidade e Saude reprodut

1997 - 1997

Universidade Federal da Bahia
Ano de finalização: 1997;

Graduação em Ciências Sociais

1992 - 1995

Universidade Federal da Bahia
Título: A significação da doença no sistema espirita
Orientador: Mriam Cristina Rabello
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2010 - 2010

software. (Carga horária: 16h). , Sphinx Brasil, SPHINX, Brasil.

2006 - 2006

Curso Avançado sobre Relações Étnicas, Raciais e C. , Universidade Federal da Bahia, UFBA, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.

Espanhol

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Francês

Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências Humanas / Área: Antropologia / Subárea: Antropologia Urbana.

    Grande área: Ciências Humanas / Área: Sociologia / Subárea: Sociologia Urbana.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

MESSEDER, S. A. ; Souza, Elias Ramos ; GALEFFI, D. A. ; CONCEICAO, S. H. ; HANAQUE, F. ; Menezes, Ana Maria F. ; Adriana dos Santos Marmori Lima . I ENCONTRO EM PRODUÇÃO, GESTÃO E DIFUSÃO DO CONHECIMENTO CIENTÍFICO NO ESTADO DA BAHIA. 2018. (Congresso).

MESSEDER, S. A. . V SEMINÁRIO ENLAÇANDO SEXUALIDADES. 2017. (Outro).

MESSEDER, S. A. ; HANAQUE, F. ; Correa, Maria Inês Marques . I WORKSHOP EM DIFUSÃO DO CONHECIMENTO: EMPREENDEDORISMO SOCIAL, TECNOLOGIA SOCIAL E ECONOMIA CRIATIVA. 2017. (Outro).

MESSEDER, S. A. ; HANAQUE, F. ; Correa, Maria Inês Marques . I WORKSHOP INTERNACIONAL EM DIFUSÃO DO CONHECIMENTO: TECNOLOGIA SOCIAL, EMPREENDEDORISMO SOCIAL E ECONOMIA CRIATIVA.. 2017. (Outro).

MESSEDER, S. A. . II SEMINÁRIO E TREINAMENTO EM METODOLOGIA DE PESQUISA EM SEXUALIDADES, RELAÇÕES DE GÊNERO E DIREITOS HUMANOS. 2016. (Outro).

MESSEDER, S. A. ; Teixeira, M ; BARBOSA, N. L. . 08 de Março dia Internacional das Mulheres. 2016. (Outro).

MESSEDER, S. A. ; Teixeira, M ; MOUTINHO, L. ; Garcia, P.C.S ; Mayorga, Claudia ; CASTRO, M. G. . IV SEMINÁRIO ENLAÇANDO SEXUALIDADES. 2015. (Outro).

MESSEDER, S. A. . III Seminário Enlaçando Sexualidades. 2013. (Outro).

MESSEDER, S. A. ; Teixeira, M . Seminário Metodologia de Pesquisa em Sexualidades, Gênero e Direitos Humanos. 2012. (Outro).

Colling, Leandro ; MESSEDER, S. A. ; LIMA NETO, D. R. ; Garcia, P.C.S ; NUSSBAUMER, G. M. . VI Congresso Internacional de Estudos sobre a Diversidade Sexual e de Gênero. 2012. (Congresso).

MESSEDER, S. A. . I SEMINÁRIO E TREINAMENTO DE METODOLOGIA EM PESQUISA EM SEXUALIDADES, RELAÇÕES DE GÊNERO E DIREITOS HUMANOS. 2012. (Outro).

MESSEDER, S. A. . II SEMINÁRIO ENLAÇANDO SEXUALIDADES. 2011. (Outro).

MESSEDER, S. A. . Seminário Enlaçando Sexualidades. 2009. (Outro).

Cruz, Hilton ; Alves, Barbara ; MESSEDER, S. A. . I Simpósio Direitos Humanos e Diversidades‏. 2009. (Outro).

Paiva, Eide ; Maraux, A. ; MESSEDER, S. A. . 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra Mulheres. 2008. (Outro).

MESSEDER, S. A. ; Mattos, Wilson . Colóquio Internacional Descolonização do pensamento: novas perspectivas para as humanidades. 2007. (Outro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

XII COLÓQUIO NACIONAL REPRESENTAÇÕES DE GÊNERO E DE SEXUALIDADES - CONAGES."O HOMEM E A HETEROSSEXUALIDADE - INTERROGANDO SEUS ETHOS". 2016. (Outra).

XII COLÓQUIO NACIONAL REPRESENTAÇÕES DE GÊNERO E SEXUALIDADES - CONAGES." ABEH: 15 ANOS DE PRODUÇÃO DO CONHECIMENTO". 2016. (Outra).

XX JORNADA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA." O DISQUE 100 E A VIOLÊNCIA LGBT". 2016. (Outra).

IV Pensando Áfricas e suas Diasporas.Mulheres negras masculinizadas: um estudo sobre os processos de subjetivações na infância e na adolescência. 2015. (Seminário).

29 Reunião Brasileira de Antropologia. Sempre dizem sobre mim, ela tem uma filha, acho que ela não é sapa" : A lesbianidade e maternidade na trajetória de vida das mulheres masculinizadas. 2014. (Congresso).

Dialogo dos Saberes.Conhecimentos Enlaçados e novas solidariedades. 2014. (Encontro).

II Seminário Internacional Corpo, Gênero e Sexualidade.A TESSITURA ENTRE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO NO CAMPO DA SEXUALIDADE E DAS RELAÇÕES DE GÊNERO: uma breve narrativa sobre as reflexões e ações positivas com/sobre mulheres ?masculinizadas?. 2014. (Seminário).

VII CONGRESSO INTERNACIONAL DE ESTUDOS SOBRE A DIVERSIDADE SEXUAL E DE GÊNERO DA ABEH ? Práticas, pedagogias e políticas públicas. Ela tem uma filha... acho que ela não é sapa!?: Entre a maternidade e a lesbianidade na trajetória de vida das mulheres masculinizadas. 2014. (Congresso).

VII CONGRESSO INTERNACIONAL DE ESTUDOS SOBRE A DIVERSIDADE SEXUAL E DE GÊNERO DA ABEH ? Práticas, pedagogias e políticas públicas. OLHARES SOBRE A PRODUÇÃO DO CONHECIMENTO DE MULHERES LÉSBICAS NA ACADEMIA. 2014. (Congresso).

xx Congresso Internacional de Antropologia de Ibero-América. A baianidade e o ?cacete armado?: um estudo sobre os/as microempreendedores da região metropolitana de Salvador. 2014. (Congresso).

19 Semana de Saúde - ejacav.Sexualidade nas diferentes juventudes. 2013. (Outra).

Ciclo de Seminários Fundac.Gênero e Sexualidades:uma abordagem inclusiva e socioeducativa. 2013. (Seminário).

Diálogo dos Saberes.Fio das masculinidades: masculinidades em corpos femininos. 2013. (Outra).

III Simpósio Internacional de Educação Sexual: corpos, identidade de gênero e heteronormatividade no espaço escolar..A Educação básica, Diversidade Cultural e as Sexualidades: uma experiência com os/as educadores/as no Seminário Enlaçando Sexualidades. 2013. (Simpósio).

IV REA/XIII ABANNE. Sexualidades e Direitos Humanos na tessitura do Estado: uma experiência antropológica sobre sexualidades na lógica estatal da Bahia ,. 2013. (Congresso).

VII FOR RAINBOW.Fio das Masculinidades - Documentário. 2013. (Outra).

V Seminário GCS. Grupo de Pesquisa Gênero, Corpo.Construção de gênero e ativismo. 2013. (Seminário).

54 Congresso Internacional de Americanistas. 'A desconstrução da sexualidade e do gênero na vivência amorosa/sexual das mulheres masculinizadas da Cidade de Salvador. 2012. (Congresso).

I Congresso da Diversidade Sexual. Entre gênero e sexualidades: possíveis maneiras de ser mulher vivenciando as masculinidades. 2012. (Congresso).

III Pensando Áfricas e suas diásporas e Encontro de Antroopologia e Educação.A antropologia e o trabalho de campo: relações raciais e sexualidades como questões. 2012. (Encontro).

II Simpósio Baiano de Licenciaturas.Formação de professores para a afirmação da educação incluisiva. 2012. (Simpósio).

I Seminário Baiano da Diversidade Sexual e Combate à Homo(trans)fobiar),.O deslindar das cenas de violência promovida pela heteronormatividade. 2012. (Seminário).

I Seminário Baiano de Combate à Homofobia.Relações possíveis entre a Lei Maria da Penha e o Combate a Homofobia. 2012. (Seminário).

I Seminário Nacional de Negras e Negros LGBT Por um Brasil Livre do Racismo e da Homofobia.Juventude, Gênero e Sexualidades da população negra LGBT. 2012. (Seminário).

Seminário de Pesquisa, Pós- Graduação e Inovação da UNEB.A multidisciplinaridade entre a Antropologia e as Ciências Contábeis: um estudo sobre os microempresários/as (barraqueiros/as) da orla do município de Camaçari. 2012. (Seminário).

Seminário de Pesquisa, Pós- Graduação e Inovação da UNEB.A crítica da razão baiana: uma análise da categoria nativa "cacete armado". 2012. (Seminário).

VI Congresso Internacional de Estudos sobre a Diversidade Sexual e de Gênero. Uma avaliação dos estudos sobre a diversidade sexual e de gênero na América Latina. 2012. (Congresso).

VI Congresso Internacional de Estudos sobre a Diversidade Sexual e de Gênero. Perspectivas teóricas e movimento lésbico no Brasil. 2012. (Congresso).

VI Congresso Internacional de Estudos sobre a Diversidade Sexual e de Gênero. Etnografias e espaços. 2012. (Congresso).

Workshop Internacional Pesquisa em Ciências Humanas na arearea de Sexualidades, com enfase nas pessoas trnas. 2012. (Outra).

XV CISO - Encontro Norte e Nordeste de Ciências Sociais Pré-ALAS Brasil,."Da construção do objeto ao trabalho de campo : um estudo sobre os/as microempresários/as. 2012. (Encontro).

XVIII Encontro Nacional de Estudos Populacionais.O MUNDO DO TRABALHO DAS MULHERES MASCULINIZADAS: UM ESTUDO SOBRE AS MASCULINIDADES EM CORPOS FEMININOS. 2012. (Outra).

XX VIII Reunião Brasileira de Antropologia. ?Não me acho masculinizada, mas sim arrojada?: Os desafios na pesquisa sobre mulheres masculinizadas. 2012. (Congresso).

1º Congresso Internacional de Educação do Estado da Bahia. Oficina de Sexualidades e Gênero na Educação. 2011. (Congresso).

I Congresso de Direito Homoafetivo. 2011. (Congresso).

I Seminário Nacional de Mulheres do ANDES.Quando as lésbicas entram na cena: uma analise da lesbofobia na matriz da heterossexualidade compulsória. 2011. (Seminário).

IX Reunião de Antropologia do Mercosul,. O que tem a ver sexualidade e gênero na relações de poder, trabalho e desejo dos microempresários?. 2011. (Congresso).

Simpósio Internacional de Baianidade.As identidades sexuais negociadas e a produção científica sobre sexualidades na Terceira Onda do Movimento LGBT no Estado da Bahia. 2011. (Simpósio).

VII Colóquio Nacional Representações de Gênero e de Sexualidades.Apontamentos sobre sexualidade na terceira onda do movimento LGBT: um breve olhar nos estudos sobre sexualidade na produção cientifica no Brasil.. 2011. (Outra).

XI Congresso Luso-Afro-Brasileiro de Ciências Sociais - Diversidades e. O CORPO MASCULINIZADO E O FAZERANTROPOLÓGICO: UM ESTUDO SOBRE AS VIVÊNCIAS DE MULHERES MASCULINIZADAS. 2011. (Congresso).

27a Reunião Brasileira de Antropologia (RBA).Do ?chambrão? à caminhoneira: um estudo sobre as masculinidades vivenciadas em corpos de fêmea. 2010. (Outra).

ENECULT.NO ENLACE DOS ATOS PERFORMATIVOS MASCULINOS A TEORIA FEMINISTA E A TEORIA QUEER: ARTICULANDO CLASSE, RAÇA, GÊNERO E SEXUALIDADES. 2010. (Encontro).

ENUDS Encontro Nacional Universitário da Diversidade Sexual.A EXPERIÊNCIA DA OFICINA MEUS DIREITOS, SEUS DIREITOS, DIREITOS DE TOD@S.. 2010. (Encontro).

ENUDS Encontro Nacional Universitário da Diversidade Sexual.?LARGUEI UM EMPREGO BOM..., NÃO TEM QUE FAÇA EU VESTIR UM VESTIDO?: O MUNDO DO TRABALHO VIVIDO PELAS MULHERES MASCULINIZADAS. 2010. (Encontro).

Fazendo Gênero. Cruzando Sexualidades, Gênero e etnicidades nos movimentos migratórios - Coordenação de Simpósio. 2010. (Congresso).

Fazendo Gênero. A construção do sexo do homem negro na Diaspora: um estudo sobre as relaçoes de desejo nas masculinidades varões migrantes na Espanha. 2010. (Congresso).

I Congresso Internacional de Línguas e Literaturas Africanas e Afro-brasilidades (CILLAA). Sexualidades: articulando a teoria feminista e a teoria queer para se pensar em sujeitos. 2010. (Congresso).

II CONGRESSO NORDESTINO DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA. NOS BASTIDORES DO ENLAÇANDO SEXUALIDADES: A ARTICULAÇÃO ENTRE UNIVERSIDADE, EDUCAÇÃO BÁSICA E MOVIMENTOS SOCIAIS. 2010. (Congresso).

II Semináriodo dia mundial de luta contra a homofobia.Lésbicas: singularidades e vulnerabilidades. 2010. (Seminário).

I Seminário Nacional de Gestores e Trabalhadores no Combate á homofobia.Reunião dos Núcleos de Pesquisa que trabalham com a população LGBT. 2010. (Seminário).

I SEMINÁRIO VISIBILIDADE LÉSBICAS: NOSSOS CAMINHOS NOSSA CULTURA.Entre o movimento feminista e o movimento lésbico: o público e o privado novamente em questão. 2010. (Encontro).

IV FÓRUM IDENTIDADES E ALTERIDADES:.Identidades e Alteridades: Múltiplas Abordagens. 2010. (Encontro).

Seminário Internacional: Direitos Sexuais, Feminismos, Lesbianidades - Olhares Diversos.Sexualidade, gênero e interseccionalidade. 2010. (Seminário).

Seminário Internacional Gênero, Educação e Direitos Humanos em Países de Língua Portuguesa e de Língua Espanhola.Uma trilha para desconstruir a matriz da heterossexualidade compulsória na escola. 2010. (Seminário).

Stonewall 40 + o que no Brasil?.Construindo novos e velhos desafios sobre e com os estudos das sexualidades: Articulando teoria feminista, teoria queer e a indissociabilidade entre ética, politica e Ciência. 2010. (Outra).

V Conferência ILGA-LAC. Gênero está para corpos masculinos e femininos, assim como sexualidade está para a homossexualidade e abjeções: Um breve panorama sobre as representações das sexualidades elaboradas pelos professores/as de Salvador. 2010. (Congresso).

XVII Encontro Nacional de Estudos Populacionais, ABEP.A dimensão do trabalho na Comunidade Autônoma de Galícia e o mercado dual: um breve relato sobre a inserção dos homens negros migrantes no mundo do trabalho galego. 2010. (Encontro).

6 Festival Internacional de Cinema de Salvador.SESSÕES COMENTADAS POSSÍVEIS SEXUALIDADES. 2009. (Outra).

Conferência Estadual de Educação - de 25 a 28 de novembro na Escola Parque.Um breve panorama sobre as representações das sexualidades elaboradas pelos professores/as da rede metropolitana de Salvador. 2009. (Outra).

Enlaçando Sexualidades.Identidades e rupturas entre teoria feminista e teoria lésbica. 2009. (Seminário).

II Encontro de Coordenadores de NUPE (Núcleo de Pesquisa da UNEB).Uma breve apresentaçao das macro-açoes e micro-açoes do Nucleo de Gênero e Sexualidades - DIadorim na Universidade do Estado da Bahia. 2009. (Encontro).

III FÓRUM IDENTIDADES E ALTERIDADES EDUCAÇÃO, DIVERSIDADE E QUESTÕES DE GÊNERO.Navegar nos estudos sobre masculinidades: uma breve articulação entre a teoria feminista e a teoria queer. 2009. (Seminário).

II REA/XI ABANNE (19 a 22 de Agosto de 2009). As continuidades dos atos performativos masculinizados citados pelos migrantes angolanos, brasileiros e cubanos na Comunidade Autônoma de Galícia.. 2009. (Congresso).

IV Seminário de Pesquisa e Ensino de Pós-Graduaçao.Maculinidades, Turismo e o terceiro setor: um estudo sobre os microempreários na Cidade de Camaçari. 2009. (Seminário).

Mesa Redonda Continuidades e descontinuidades: entre a teoria e a teoria feminista.Continuidades e descontinuidades: entre a teoria e a teoria feminista. 2009. (Outra).

Pré-fórum cultural do Programa de Pós-Graduação Mestrado em Crítica Cultural do Campus II.Políticas públicas e suas implicações na formação e autonomia das culturas identitárias. 2009. (Outra).

VIIII Reunioón de Antropología del Mercorsul : Diversidad y Poder en América Latina.O que tem a ver o mundo do trabalho com o imaginário do matriarcado galego e o imaginário sobre os homens negros na travessia do Atlântico?. 2009. (Outra).

5o. Seminário Nacional "Homens, Gênero e Políticas Públicas.Você é brasileiro, as mulheres gostam, e se é negro, gostam mais ainda... os homens...: os gays já não sei: Um estudo sobre as relações inter-raciais e inter-sexuais a partir dos atos performativos dos imigrantes negros na Galícia. 2008. (Seminário).

Giro decolonial y universalismo occidentales: debates entorno al pensamiento fronteirizo. 2008. (Outra).

IV CONGESSO ABEH ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ESTUDOS DA HOMOCULTURA. O MITO DA VIRILIDADE DO HOMEM NEGRO. 2008. (Congresso).

IX Jornadas Nacionales de Historia de las mujeres Y IV Congreso Iberoameriacano de Estudios de Género. ):. La trayectoria transnacional de las relaciones entre los actos performativos de hombres negros y hombres blancos en la Comunidad Autónoma de Galicia. 2008. (Congresso).

V Simposio Internacional del Centro de Estudios del Caribe en Brasil-CECAB.O paradoxo do mito da virilidade do homem negro: um estudo sobre as masculinidades de homens autóctones e imigrantes negros na Comunidade Autônoma de Galícia. 2008. (Simpósio).

XVI Encontro Nacional de Estudos Populacionais, ABEP, realizado em Caxambú- MG ? Brasil. As relações de masculinidades transnacionais de imigrantes negros e autóctones na Comunidade Autônoma de Galícia. 2008. (Congresso).

XVII Encontro ABEP.A dimensão do trabalho na Comunidade Autônoma de Galícia e o mercado dual: um breve relato sobre a inserção dos homens negros migrantes no mundo do trabalho galego. 2008. (Encontro).

5 Encontro Nacional Sobre Migração..? Lá você vai ser um pedaço de carne... : Entrelaçando o ato performativo da masculinidade subalterna com o mercado sexual dos homens pretos na Galícia. 2007. (Encontro).

I Colóquio Internacional Descolonização do Pensamento: Novas Perspectivas para as Humanidades.Raça, gênero e classe: interface com os movimentos sociais. 2007. (Outra).

O Sorriso de Daniel?, promovida pelo Conselho de Cultura Galega.A construção dos atos performativos étnicos no discurso do nacionalismo galego e brasileiro no período de 1845-1914. 2007. (Outra).

VII RAM Reunião de Antropologia do Mercosul,. Desafios. Antropologicos. ?Navegando em águas ibéricas: cruzando habitus engendrado e racializado em homens pretos e brancos na Galícia. 2007. (Congresso).

X CONGRESO DE ANTROPOLOGÍA Federación de Asociaciones de Antropología del Estado Español. Continuidades e descontinuidades: Masculinidades e Corpos. Um estudo sobre homens encarnados em corpos negros com diversas praticas eróticas na cidade de Salvador. 2005. (Congresso).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

Aluno: Marcelo Henrique de Souza

GIVIGI, A. C. N.; Sampaio, S.M;MESSEDER, S. A.. A militância LGBT na universidade: um estudo de caso do Coletivo KIU.. 2015. Dissertação (Mestrado em Estudos Interdisciplinares sobre a Universidade) - Universidade Federal da Bahia.

Aluno: Ivanildes Teixeira de Sena

MESSEDER, S. A.; BARRETO, P. C. S.; SANTANA, C. P. L.. NO VENTRE DA CAPOEIRA, MARCAS DE GENTE, JEITO DE CORPO: UM ESTUDO DAS RELAÇÕES DE GÊNERO NA COSMOVISÃO AFRICANA DA CAPOEIRA ANGOLA. 2015. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Crítica Cultural) - Universidade do Estado da Bahia.

Aluno: John Andrew Mundell

SANTOS, J. T.; Figuereido, Angela;MESSEDER, S. A.. Meninos diferentes: construção e performance de masculinidades de homens negros gays em Salvador. 2014. Dissertação (Mestrado em Estudos Étnicos e Africanos) - Universidade Federal da Bahia.

Aluno: Amanaiara Conceição de Santana Miranda

A. M. F. L. E.; Lima,Maria Nazaré;MESSEDER, S. A.. GÊNERO/SEXO/SEXUALIDADE: REPRESENTAÇÕES E PRÁTICAS ELABORADAS POR PROFESSORAS/ES DA EDUCAÇÃO INFANTIL NA REDE MUNICIPAL DE ENSINO EM SALVADOR,Ano de Obtenção: 2014. 2014. Dissertação (Mestrado em Estudos Interdisciplinares Sobre Mulheres, Gênero e Feminism) - Universidade Federal da Bahia.

Aluno: Ana Gabriela Pio Pereira

Garcia, P.C.S; LEILLA, A. L. B. G. A.;MESSEDER, S. A.. ESCRITAS EXCESSIVAS: DISPOSIÇÕES DE LESBIANIDADES NA NARRATIVA AS TRAÇAS, DE CASSANDRA RIOS. 2013. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Crítica Cultural) - Universidade do Estado da Bahia.

Aluno: Larissa Amorim Borges

Mayorga, Claudia; LAGES, S.;MESSEDER, S. A.. NAS PERIFERIAS DO GÊNERO: Uma mirada negra e feminista sobre a experiência de mulheres negras jovens participantes no Hip Hop e no Funk.. 2013. Dissertação (Mestrado em Psicologia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

Aluno: ELISETE SANTANA DA CRUZ FRANÇA

Lima,Maria Nazaré;MESSEDER, S. A.; Nascimento, Claudio. Saindo do armário, quantas portas se fecham? Os desafios de ser o que é: um estudo sobre questões de gênero, sexualidade e homofobia na escola. 2011. Dissertação (Mestrado em Crítica Cultural) - Universidade do Estado da Bahia.

Aluno: Mônica Araúlo Barbosa

Colling, Leandro; LIMA NETO, D. R.; Miguez de Olviera, P.C;MESSEDER, S. A.. Movimento de Resistência á Monogamia Compulsória: a luta por direitos sexuais e afetivos no século XXI. 2011. Dissertação (Mestrado em Administração) - Universidade Federal da Bahia.

Aluno: Amanaiara Conceição de Santana Miranda

MESSEDER, S. A.; GALEFFI, D. A.; Souza, S. Leliana; VITORINO, C.C; DANTAS, M.C.C; MELO, M.R. As experiências / aprendizagens com/sobre as crianças no cotidiano escolar. 2018. Tese (Doutorado em Difusão do Conhecimento) - Universidade Federal da Bahia.

Aluno: Paula da Luz Galrão

Calvo, Helena Conzalez; Prazeres, M.A;MESSEDER, S. A.; Silva, S.M; Fernandes, Felipe B. M.. "Gambiarras" Políticas e acomodações necessárias: gerencialismo neoliberal e políticas públicas para as mulheres em Petrolina-PE. 2017. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) - Universidade Federal da Bahia.

Aluno: Gildeci de Oliveira Leite

Oliveira, Eduardo;MESSEDER, S. A.; Boaventura, Edvaldo Machado; Correia, W.B.; Ramos, R.T. EDISON CARNEIRO, BIOGRAFEMAS: POESIA, SAMBA E CANDOMBLÉ. 2017. Tese (Doutorado em Difusão do Conhecimento) - Universidade Federal da Bahia.

Aluno: Caio Monteiro Melo

MESSEDER, S. A.; BURNHAM, Teresinha Fróes; Gomes, Geraldo S; SOUZA., CRISTIANE SANTOS; Souza, Elias Ramos. DAS VEREDAS ÀS VITRINES: entre o saber-fazer das artesãs e o design do capim-dourado na Comunidade Quilombola Mumbuca do Tocantins. 2017. Tese (Doutorado em Difusão do Conhecimento) - Universidade Federal da Bahia.

Aluno: Felipe Rodrigues Bomfim

ROCHA, J.C;MESSEDER, S. A.; BAROSA, Cesar; FERREIRA, A. M. S.; MORUNO, M. V.. ECONOMIAS CRIATIVAS NO BRASIL: UM ESTUDO DE CASO DAS ABORDAGENS CONCEITUAIS EXPRESSAS NOS DOCUMENTOS OFICIAIS DO GOVERNO, NA LITERATURA E NAS AGÊNCIAS DE FOMENTO DA BAHIA. 2017. Tese (Doutorado em Difusão do Conhecimento) - Universidade Federal da Bahia.

Aluno: Marlene Brito de Jesus Pereira

MESSEDER, S. A.; CASTRO, M. G.. Ecos do entrelace entre o contrato social e o contrato sexual sobre a idéia de indivíduo, sexualidade e família contemporânea,. 2014. Tese (Doutorado em Família na Sociedade Contemporãnea) - Universidade Católica do Salvador.

Aluno: Cassiana Panissa Gabrielli

Alves, Ivía; Garcia, P.C.S; Sacramento, S,M,P; Rubim, L.S;MESSEDER, S. A.. O paraíso terreal não é cá, é lá: O turismo sexual em Salvador/Ba. 2011. Tese (Doutorado em Estudos Interdisciplinares Sobre Mulheres, Gênero e Feminism) - Universidade Federal da Bahia.

Aluno: Lucia Helena Rodrigues Costa

MESSEDER, S. A.. Estendendo o fio de Ariadne: sexualidade e cuidado nos discursos de enfermeiras. 2010. Tese (Doutorado em Enfermagem) - Universidade Federal da Bahia.

Aluno: ELISETE SANTANA DA CRUZ FRANÇA

MESSEDER, S. A.; Oliveira, Eduardo David; Caetano, Marcio. CULTURAS MASCULINAS: UM ESTUDO SOBRE OS SIGNIFICADOS DAS MASCULINIDADES DE JOVENS NO CONTEXTO ESCOLAR. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Difusão do Conhecimento) - Universidade Federal da Bahia.

Aluno: Adriana dos Santos Marmori Lima

Menezes, Ana Maria F.; Fernandes, Felipe B. M.;MESSEDER, S. A.. Gestão pública universitária na Bahia: um estudo sobre as experiências de administração desenvolvidas por mulheres e a. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Difusão do Conhecimento) - Universidade Federal da Bahia.

Aluno: Edmar Henrique Dairell Davi

Bruns, M.A.T; Santos, M.A;MESSEDER, S. A.. A vivência afetivo-sexual das travestis e o desvelar do corpo. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Doutorado em Ciências: Psicologia, FFCL-RP) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Vyrna Isaura Valença Perez

MESSEDER, S. A.; Fernandes, Felipe B. M.; Barbosa, Lícia Maria Lima; Correa, Maria Inês Marques. FIES: UM ESTUDO SOBRE A POLÍTICA PÚBLICA E AS INTERPRETAÇÕES DOS SUJEITOS BENEFICIADOS. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Crítica Cultural) - Universidade do Estado da Bahia.

Aluno: Rafael Alves Galli

VIEIRA, E. M.; Santos, M A;MESSEDER, S. A.. Vida afetivo-sexual da população trans. 2012. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós-graduação em Psicologia) - Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto.

Aluno: Lea Menezes de Santana

Rubim, L.S; Vieira, Nancy;MESSEDER, S. A.. Tem pornô para mulher? Uma abordagem crítica da pornografia feminista. 2012. Exame de qualificação (Mestrando em Estudos Interdisciplinares Sobre Mulheres, Gênero e Feminism) - Universidade Federal da Bahia.

Aluno: Lenon Silva Boaventura

ORNELLAS, Maria de Lourdes Soares; Souza, Elizeu Clementino;MESSEDER, S. A.. Marcadores socais e suas implicações na homofobia: aproximações teóricas. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Psicologia) - Universidade do Estado da Bahia.

Aluno: Cauê do Nascimento Ribeiro

Garrido, Edleusa N.;MESSEDER, S. A.; Fernandes, Felipe B. M.. RELAÇÕES DE GÊNERO E SAÚDE MENTAL: A EXPERIÊNCIA DO SOFRIMENTO PSÍQUICO FEMININO E SA SUA DIMENSÃO SOCIAL. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Psicologia) - Universidade do Estado da Bahia.

MESSEDER, S. A.. Seleção Pública para professor substituto na condição de presidente da banca examinadora. 2009.

MESSEDER, S. A.. Concurso público para professor auxiliar/assistente na condição de membro da banca examinadora de Sociologia rural. 2002. Universidade do Estado da Bahia.

Santos, Rosalira; Galvao, Ana C.;MESSEDER, S. A.. Prêmio Naíde Teodosío de Estudos de Gênero - Ano III. 2010. Secretaria Especial da Mulher.

MESSEDER, S. A.. Seleção Pública para professor substituto na condição de membro da banca examinadora de antropologia/metodologia do trabalho científico/monografia. 2001. Universidade do Estado da Bahia.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Cecilia Maria Bacellar Sardenberg

MESSEDER, S. A.;SARDENBERG, Cecilia; CASTRO, M. G.; GIFFIN, K.. É só um jeito de corpo: um estudo sobre masculinidades. 1999. Dissertação (Mestrado em Ciências Sociais) - Universidade Federal da Bahia.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Orientou

Fabiane Fernandes Guimarães

AS PRETAS DE CAMAÇARI: UMA CARTOGRAFIA DO SABER-FAZER E DAS SUBJETIVIDADES DE MULHERES NEGRAS NO MERCADO INFORMAL; Início: 2017; Dissertação (Mestrado em Crítica Cultural) - Universidade do Estado da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; (Orientador);

Gleiton Silva de Sales

Gestão e difusão do conhecimento em gênero e sexualidade nos cursos de Pedagogia da UNEB; Início: 2018; Tese (Doutorado em Difusão do Conhecimento) - Universidade Federal da Bahia; (Orientador);

Saulo

Comerciantes informais do litoral norte da Bahia-Brasil e a construção de suas redes co-labor-ativas informa(ciona)is de difusão do conhecimento; Início: 2018; Tese (Doutorado em Difusão do Conhecimento) - Universidade Federal da Bahia; (Orientador);

Lenade Barreto

Empreendedorismo como alternativa à exclusão social: o saber-fazer das pessoas trans na cidade de Camaçari; Início: 2017; Tese (Doutorado em Difusão do Conhecimento) - Universidade Federal da Bahia; (Orientador);

Jose Roberto Silva de Oliveira

EXTENSÃO TECNOLÓGICA: O PAPEL DA TRANSFERÊNCIA DE TECNOLOGIA COMO FORMA DE ARTICULAÇÃO E DIFUSÃO DE CONHECIMENTOS NO INSTITUTO FEDERAL DA BAHIA; Início: 2017; Tese (Doutorado em Difusão do Conhecimento) - Universidade Federal da Bahia; (Orientador);

Clebemilton Gomes do Nascimento

O que(er) muda a vida? Pólíticas públicas para as diferenças no Brasil Pós-Lula,; Início: 2016; Tese (Doutorado em Difusão do Conhecimento) - Universidade Federal da Bahia; (Orientador);

Adelmo de Souza Xavier

CULTURA E CONHECIMENTO: TRANSVERSALIDADE, INTERSECCIONALIDADE E (IN)FORMAÇÃO; ; Início: 2016; Tese (Doutorado em Difusão do Conhecimento) - Universidade Federal da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; (Coorientador);

Graciela Nieves Pellegrino Fernandez

Corpo em movimento : um estudo sobre as subjetividades corpóreas de alunas(os) na escola; Início: 2014; Tese (Doutorado em Doutorado Multi-institucional Multidisciplinar em) - Universidade do Estado da Bahia; (Orientador);

Anhamona Silva de Brito

A ouvidoria cidadã da Defensoria Pública da Bahia e a participação popular no combate ao racismo e no acesso à justiça; Início: 2013; Tese (Doutorado em Difusão do Conhecimento) - Universidade Federal da Bahia; (Orientador);

Adriana dos Santos Marmori Lima

MULHERES BAIANAS NA GESTÃO PÚBLICA: marcas de trabalho e impactos nas transformações político-culturais e educacionais do Estado; Início: 2012; Tese (Doutorado em Difusão do Conhecimento) - Universidade Federal da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; (Orientador);

Warlen Alves de Oliveira Júnior

O Ministério Público e os avanços da proteção das minorias: um estudo sobre a trajetória do GEDEM (Grupo de Atuação Especial em Defesa da Mulher; Início: 2017; Iniciação científica (Graduando em Direito) - Universidade do Estado da Bahia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; (Orientador);

TIAGO TRINDADE

O Ministério Público da Bahia e agenda LGBT: um estudo sobre como os sujeito LBGTs tornam-se uma agenda no GEDEM; Início: 2017; Iniciação científica (Graduando em Curso de Direito) - Universidade do Estado da Bahia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; (Orientador);

Bianca dos Santos Carneiro

A difusão e produção científica sobre a Lei Maria da Penha e LGBT (fobias): um estudo sobre a produção científica e os principais canais de difusão; Início: 2017; Iniciação científica (Graduando em Psicologia) - Universidade do Estado da Bahia, Universidade do Estado da Bahia - Proex; (Orientador);

Saulo Robledo Cardoso

O empreendedorismo informal na Feira de São Joaquim: um estudo sobre o trabalhador por conta própria ou empreendedorismo informal; Início: 2017; Orientação de outra natureza; Universidade do Estado da Bahia - Proex; (Orientador);

Raimundo Washington dos Santos

BRINCANDO COM CABELOS: UM ESTUDO SOBRE O PROCESSO DE LETRAMENTO COM PROPRIETÁRIOS/AS DE SALÃO DE BELEZA DO MUNICÍPIO DE ALAGOINHAS - BA; ; 2016; Dissertação (Mestrado em Crítica Cultural) - Universidade do Estado da Bahia,; Orientador: Suely Aldir Messeder;

Marcos Mauricio Gondim Gomes

Homofobia na Escola; 2016; Dissertação (Mestrado em Crítica Cultural) - Universidade do Estado da Bahia,; Orientador: Suely Aldir Messeder;

Ineildes Calheiros do Santos

As mulheres árbitras de futebol: um estudo sobre tecnologias de gênero e perspectiva da divisão sexual do trabalho; 2016; Dissertação (Mestrado em Crítica Cultural) - Universidade do Estado da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Orientador: Suely Aldir Messeder;

Vyrna Isaura Valença Perez

O FUNDO DE FINANCIAMENTO ESTUDANTIL ? FIES e as representações e as vivências dos/as estudantes beneficiados/as; 2015; Dissertação (Mestrado em Crítica Cultural) - Universidade do Estado da Bahia,; Orientador: Suely Aldir Messeder;

Ineildes Calheiro dos Santos

A DIFERENÇA DO DESEMPENHO FISICO E ESPORTIVO ENTRE HOMENS E MULHERES: Um estudo sobre a inserção das mulheres no mundo da arbitragem do futebol brasileiro; 2014; Dissertação (Mestrado em Crítica Cultural) - Universidade do Estado da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Orientador: Suely Aldir Messeder;

Adilsomar de Oliveira Leite

O Programa Mais Educação: uma análise sobre a diversidade cultural e os estudos de letramento na perspectiva institucional; 2014; Dissertação (Mestrado em Crítica Cultural) - Universidade do Estado da Bahia,; Orientador: Suely Aldir Messeder;

Irênio Santos Nascimento junior Nascimento

A REPRESENTAÇÃO DO CORPO DOMINANTE NA NARRATIVA DE CACAU, TERRAS DO SEM FIM E SÃO JORGE DOS ILHÉUS DE JORGE AMADO; 2014; Dissertação (Mestrado em Crítica Cultural) - Universidade do Estado da Bahia,; Orientador: Suely Aldir Messeder;

SENA, Ivanildes Teixeira de Sena

No Ventre da Capoeira: Marcas de Gente em um Gênero de Corpo ? Mulheres na Capoeira; 2013; Dissertação (Mestrado em Crítica Cultural) - Universidade do Estado da Bahia,; Orientador: Suely Aldir Messeder;

Adilsomar de Oliveira Leite

Performatividade e letramento: Um estudo sobre produção textual em tempos de educação integral; 2012; Dissertação (Mestrado em Crítica Cultural) - Universidade do Estado da Bahia,; Orientador: Suely Aldir Messeder;

ELISETE SANTANA DA CRUZ FRANÇA

SAINDO DO ARMÁRIO , PORTAS SE ABREM/FECHAM? AS SEXUALIDADES NA ESCOLA E NA FORMAÇÃO DOCENTE; 2011; Dissertação (Mestrado em Crítica Cultural) - Universidade do Estado da Bahia,; Coorientador: Suely Aldir Messeder;

Caio Monteiro Melo

DAS VEREDAS ÀS VITRINES: entre o saber-fazer das artesãs e o design do capim-dourado na Comunidade Quilombola Mumbuca do Tocantins; 2017; Tese (Doutorado em Difusão do Conhecimento) - Universidade Federal da Bahia,; Orientador: Suely Aldir Messeder;

Amanaiara Conceição de Santana Miranda

A tríade infância, relações de gênero e sexualidades na escola : um estudo sobre a construção do conhecimento com/sobre as crianças no cotidiano escolar; 2014; Tese (Doutorado em Doutorado Multi-institucional Multidisciplinar em) - Universidade do Estado da Bahia,; Orientador: Suely Aldir Messeder;

ELISETE SANTANA DA CRUZ FRANÇA

AS RELAÇÕES DE SOCIABILIDADE E AS (RE)INTERPRETAÇÕES DE GÊNERO DE JOVENS NO AMBIENTE ESCOLAR; 2013; Tese (Doutorado em Difusão do Conhecimento) - Universidade Federal da Bahia,; Orientador: Suely Aldir Messeder;

Caio Monteiro Melo

DAS VEREDAS ÀS VITRINES: entre o saber-fazer das artesãs e o design do capim-dourado na Comunidade Quilombola Mumbuca do Tocantins; 2013; Tese (Doutorado em Difusão do Conhecimento) - Universidade Federal da Bahia,; Orientador: Suely Aldir Messeder;

Felipe Rodrigues Bomfim

ECONOMIAS CRIATIVAS NO BRASIL: UM ESTUDO DE CASO DAS ABORDAGENS CONCEITUAIS EXPRESSAS NOS DOCUMENTOS OFICIAIS DO GOVERNO, NA LITERATURA E NAS AGÊNCIAS DE FOMENTO DA BAHIA; 2012; Tese (Doutorado em Difusão do Conhecimento) - Universidade Federal da Bahia, Universidade do Estado da Bahia; Coorientador: Suely Aldir Messeder;

Warlen Alves de Oliveira Júnior

O Ministério Público e os avanços da proteção das minorias: um estudo sobre a trajetória do GEDEM (Grupo de Atuação Especial em Defesa da Mulher; 2017; Iniciação Científica - Universidade do Estado da Bahia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suely Aldir Messeder;

Lenon Silva Boaventura

O Ministério Público e as pessoas LGBT; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Psicologia) - Universidade do Estado da Bahia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suely Aldir Messeder;

Wêdja Paula Bezerra Silva

Direitos humanos e o Disque 100: Um o estudo sobre as denuncias no disque 100 no período de 2013 Titulo do Projeto: Área do Conhecimento: Ciências Sociais Aplicadas; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Direito) - Universidade do Estado da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Orientador: Suely Aldir Messeder;

Roqueline Cruz Estrela

O Ministério Público da Bahia e o Disque 100; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Direito) - Universidade do Estado da Bahia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suely Aldir Messeder;

Taianne Cardeal Freire Araújo

O Ministério Público da Bahia e o Disque 100; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Direito) - Universidade do Estado da Bahia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suely Aldir Messeder;

[Nome removido após solicitação do usuário]

AS MULHERES MASCULINIZADAS E A LESBIANIDADE: UM ESTUDO DAS REPRESENTAÇÕES SOBRE AS CONSULTAS GINECOLÓGICAS ELABORADAS PELAS; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Enfermagem) - Universidade do Estado da Bahia, Universidade do Estado da Bahia; Orientador: Suely Aldir Messeder;

Mônica Andréa Rocha

Masculinidades em corpos femininos na ginecologia; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Enfermagem) - Universidade do Estado da Bahia, Universidade do Estado da Bahia; Orientador: Suely Aldir Messeder;

Vanessa dos Santos Vila Verde Santana

MASCULINIDADES EM CORPOS FEMININOS: TECENDO ARTICULAÇÕES ENTRE; 2012; Iniciação Científica - Universidade do Estado da Bahia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suely Aldir Messeder;

Revison José Silva Santos

Masculinidades e Turismo: um estudo sobre os microempresários da cidade de Camaçari; 2012; Iniciação Científica - Universidade do Estado da Bahia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suely Aldir Messeder;

Cleide Silva de Sousa

Masculinidades e Turismo; 2011; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências Contabéis) - Universidade do Estado da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Orientador: Suely Aldir Messeder;

Patricia de Oliveira Santos

Masculinidades, Turismo e Trabalho: um estudo sobre os microempresários na cidade de Camaçari; 2011; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências Contabéis) - Universidade do Estado da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Orientador: Suely Aldir Messeder;

Neila Deise Rodrigues Fernandes

Masculinidades e os microempresários da Cidade de Camaçari; 2011; Iniciação Científica; (Graduando em Curso de Direito) - Universidade do Estado da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Orientador: Suely Aldir Messeder;

Fagner do Santos Santos

Masculinidades e a cultura da contabilidade: um estudos sobre os microempresários da cidade de Camaçari; 2011; Iniciação Científica - Universidade do Estado da Bahia - Proex, Universidade do Estado da Bahia - Proex; Orientador: Suely Aldir Messeder;

André Diego Carapiá

Masculinidades, Turismo e Trabalho: um estudo sobre os microempresários na cidade de Camaçari; 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências Contabéis) - Universidade do Estado da Bahia, Universidade do Estado da Bahia; Orientador: Suely Aldir Messeder;

JESSICA FERREIRA MARINHO

Masculinidade e Turismo: um estudo sobre a cultura da contabilidade e o perfil dos proprietários das barracas de praia na orla de Camaçari; 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências Contabéis) - Universidade do Estado da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Orientador: Suely Aldir Messeder;

Luana Paula Oliveira

Masculinidades e Turismo: um estudo sobre o ato performativo masculino dos microempresários; 2009; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências Contabéis) - Universidade do Estado da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Orientador: Suely Aldir Messeder;

Emerson Encarnação da Silva

As políticas de gestão ambiental: um estudo sobre as práticas ambientais desenvolvidas na esfera pública e privada na cidade de Camaçari; 2002; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Ciencias Contabéis) - Universidade do Estado da Bahia; Orientador: Suely Aldir Messeder;

Michelle Carneiro da Silva

Masculinidades e o Turismo: um estudo sobre o mundo do trabalho dos microempresários das barracas de praias; 2001; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências Contabéis) - Universidade do Estado da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia; Orientador: Suely Aldir Messeder;

Daniela Romero Caribé de Castro

Masculinidades em corpos femininos:; 2012; Orientação de outra natureza; (Interdisciplinar em Humanidades) - Universidade Federal da Bahia, Universidade do Estado da Bahia - Proex; Orientador: Suely Aldir Messeder;

Eloíde Maria de Jesus Leite

Masculinidades em corpos femininos:; 2012; Orientação de outra natureza; (Estudo de Gênero e Diversidade) - Universidade Federal da Bahia, Universidade do Estado da Bahia - Proex; Orientador: Suely Aldir Messeder;

Victoria Maria Zacconi Aquino

Masculinidades em corpos femininos:; 2012; Orientação de outra natureza; (Estudo de Gênero e Diversidade) - Universidade Federal da Bahia, Universidade do Estado da Bahia - Proex; Orientador: Suely Aldir Messeder;

Graciela Neves Pellegrino Fernandez

Masculinidades e corpos femininos; 2012; Orientação de outra natureza - Universidade do Estado da Bahia - Proex, Universidade do Estado da Bahia - Proex; Orientador: Suely Aldir Messeder;

Rosangela Rocha Ribeiro

Masculinidades em corpos femininos:; 2012; Orientação de outra natureza; (Estudo de Gênero e Diversidade) - Universidade Federal da Bahia, Universidade do Estado da Bahia - Proex; Orientador: Suely Aldir Messeder;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Ivanildes Teixeira de Sena

No ventre da Capoeira, Marcas de Gente em um Gênero de Corpo - Mulheres na Capoeira; Início: 2013; Dissertação (Mestrado em Crítica Cultural) - Universidade do Estado da Bahia; (Orientador);

Ivanildes Teixeira de Sena

Projeto Mulheres Masculinizadas; Início: 2013 - Universidade do Estado da Bahia; (Orientador);

Lenon Silva Boaventura

O Disque 100 e o Ministério Público do Estado da Bahia: um estudo sobre os tipos de denúncias de violência registradas no Disque 100 correlata ás pessoas LGBTs no âmbito do estado baiano; Início: 2016; Iniciação científica (Graduando em Direito) - Universidade do Estado da Bahia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; (Orientador);

Mary Garcia Castro

So um 'Jeito de Corpo'; Um estudo de masculinidade a partir das representaçoes e do uso do corpo por jovens negros de setores populares na cidade de Salvador; 1999; 0 f; Dissertação (Mestrado em Ciências Sociais) - Universidade Federal da Bahia,; Orientador: Mary Garcia Castro;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • MESSEDER, S. A. ; NASCIMENTO, C. G. . CINE BLASFÊMIA: uma narrativa de censura, enfrentamentos e (re)existências.. REVISTA OBSERVATÓRIO , v. 4, p. 118-143, 2018.

  • MESSEDER, S. A. . Memórias e cenas narradas sobre a infância e as relações de gênero na linha de vida da professora universitária e da pesquisadora encarnada. REVISTA PERIÓDICUS , v. 1, p. 122-133, 2018.

  • MESSEDER, S. A. ; FRANCA, E. ; Lima,Maria Nazaré . As ambiguidades nos atos performativos dos rapazes negros estudantes: possibilidades para uma educação libertadora. Momento - Diálogos em Educação , v. 26, p. 191, 2017.

  • MESSEDER, S. A. . MASCULINIDADES EM CORPOS FEMININOS: UMA ARTICULAÇÃO ENTRE PESQUISA E EXTENSÃO NO ESTADO DA BAHIA. Revista Feminismos , v. 3, p. 100-107, 2015.

  • MESSEDER, S. A. . Uma existência de gozos, bonitezas, perdas e danos: reflexões e práticas sobre sexualidade e atos performativos de gênero em nosso cotidiano. Revista Espaço Acadêmico (UEM) , v. 13, p. 18-30, 2014.

  • MESSEDER, S. A. . OS/AS PROFESSORES/AS DA EDUCAÇÃO BÁSICA E AS SEXUALIDADES: UMA EXPERIÊNCIA NARRADA A PARTIR DO ENLAÇANDO SEXUALIDADES NO ESTADO DA BAHIA. Teoria e Prática da Educação , v. v. 17,, p. 119-125, 2014.

  • SANTOS, I.C ; MESSEDER, S. A. . A influência cultural na fisiologia do corpo sexuado vinculado à hegemonia masculina na divisão sexual do trabalho na arbitragem em futebol. Revista Ambivalência , v. 2, p. 170-193, 2014.

  • MESSEDER, S. A. . A EDUCAÇÃO E AS SEXUALIDADES: um relato de experiência com a educação básica no seminário enlaçando sexualidades no estado da bahia. Revista Fórum Identidades , v. 14, p. 9-24, 2013.

  • MESSEDER, S. A. ; PEREIRA, A. G. P. . ?Aquilo nem parece mulher fêmea?: A narrativa de um corpo abjeto na construção de Luzia-Homem. Sociopoética (Online) , v. 1, p. 00-00, 2013.

  • MESSEDER, S. A. ; PEREIRA, A. G. P. . O encontro no universo lésbico de Cassandra Rios: desafios, ambiguidades e tensões nos atos performativos masculinizados em ?mulheres lésbicas?. Via Atlântica , v. 24, p. 241-256, 2013.

  • MESSEDER, S. A. . Quando as lésbicas entram na cena do cotidiano: uma breve análise dos relatos sobre mulheres com experiências amorosas /sexuais com outras mulheres na heterossexualidade compulsória. Universidade e Sociedade (Brasília) , v. 49, p. 152-157, 2012.

  • MESSEDER, S. A. . É possível tornar positiva a nossa identidade, quando somos o Outro fragmentado?. Pambazuka News (Ed. Português) , v. 24, p. 60321, 2009.

  • MESSEDER, S. A. . Continuidades e descontinuidades: Masculinidades e Corpos. Um estudo sobre homens encarnados em corpos negros com diversas praticas eroticas na cidade de Salvador. Antropología Feminista y o del Género. Legitimidad, poder y usos politicos , Sevilla, v. 02, p. 131-144, 2005.

  • MESSEDER, S. A. ; Cambui, Elaine (Org.) ; Correa, Maria Inês Marques (Org.) . Analista Cognitivo: Uma Profissão Interdisciplinar. 01. ed. Salvador: Edufba, 2018.

  • MESSEDER, S. A. ; CASTRO, M. G. (Org.) ; MOUTINHO, L. (Org.) . Enlaçando sexualidades : uma tessitura interdisciplinar no reino das sexualidades e das relações de gênero. 1. ed. Salvador: Edufba, 2016.

  • MESSEDER, S. A. ; Martins, M. A. M (Org.) . Enlaçando Sexualidades Volume I. 01. ed. Salvador: EDUNEB, 2010. v. 02.

  • MESSEDER, S. A. ; Martins, M. A. M (Org.) . Enlaçando Sexualidades Volume II. 1. ed. Salvador: EDUNEB, 2010. v. 02. 292p .

  • MESSEDER, S. A. . Ser ou não ser: uma questão para pegar a masculinidade. 01. ed. Salvador: EDUNEB, 2009. 166p .

  • Adriana dos Santos Marmori Lima ; Maria Teresa Geraldo Carvalho ; MESSEDER, S. A. ; Sara Diogo . Gender and Management in Higher Education: Women?s Participation in Universities in Portugal and in Brazil. International Conference on Gender Research ICGR 2018. 01ed.PORTO: Published by Academic Conferences and Publishing International Limited Reading UK, 2018, v. , p. 510-517.

  • MESSEDER, S. A. ; França, Elisete ; Lima,Maria Nazaré . As ambiguidades nos atos performativos dos rapazes negros estudantes: possibilidades para uma educação libertadora. In: Marcio Caetano; Paulo Melgaço da Silva Junior. (Org.). De guri a cabra macho. 01ed.Rio de Janeiro,: Lamparina, 2018, v. 01, p. 177-192.

  • MESSEDER, S. A. ; SANTOS, R. W. . É possível articular a educação profissional com a perspectiva de letramento Um estudo sobre as práticas e saberes dos proprietários de salão de beleza na cidade de Alagoinhas. In: Balogh, Iêda Rodrigues da Silva Costa, Patrícia Lessa Santos Silva, Valdélio Santos Amorim, Antônio. (Org.). Educação profissional: trabalho, letramento e políticas públicas formativas. 01ed.Salvador: Edufba, 2018, v. 1, p. 87-108.

  • MESSEDER, S. A. . Masculinidade é sempre algo positivo? Um estudo sobre masculinidades em corpos femininos. In: Ana Cristina Nascimento;Priscila Gomes Dornelles. (Org.). Babado acadêmico do Recôncavo: universidade, gênero e sexualidade. 1ed.SALVADOR: edufba, 2017, v. 1, p. 133-148.

  • MESSEDER, S. A. . O RETRATO DA MASCULINIDADE BRASILEIRA NA/PELA CÂMARA DOS DEPUTADOS FEDERAIS E O QUE NÓS PESQUISADORES(AS)/ATIVISTAS TEMOS A VER COM ISSO?,. In: Katemari Diogo da Rosa; Marcio Caetano; Paula Almeida de Castro. (Org.). Gênero e sexualidade: intersecções necessárias à produção de conhecimentos [Livro eletrônico]. 01ed.Campina Grande: Realize, 2017, v. , p. 245-256.

  • SANTOS, I.C ; MESSEDER, S. A. . A diferença do desempenho Físico e esportivo entre homens e mulheres: um estudo sobre a inserção das mulheres no mundo da arbitragem do futebol brasileiro. In: Fernando Seffner; Marcio Caetano. (Org.). Discurso, discursos, e contra-discursos latino-americanos sobre a diversidade sexual e de gênero.. 1ed.Rio Grande: Editora da FURG, 2016, v. 1, p. 501-515.

  • MESSEDER, S. A. . A construção da perspectiva multidisciplinar nas ciências sociais: um estudo sobre microempreendedores na cidade de Camaçari. In: Alfredo Eurico Rodrigues Matta; José Claudio Rocha. (Org.). Cognição:aspectos contemporâneos da construção e difusão do conhecimento. 1ed.Salvador: Eduneb, 2016, v. 1, p. 225-242.

  • MESSEDER, S. A. . INTRODUÇÃO. In: MESSEDER, S.A; CASTRO,Mary; MOUTINHO, Laura. (Org.). Enlaçando sexualidades : uma tessitura interdisciplinar no reino das sexualidades e das relações de gênero. 01ed.Salvador: EDFUBA, 2016, v. 01, p. 09-18.

  • MESSEDER, S. A. . Entre a trajetória escolar e a divisão sexual do trabalho: um estudo sobre masculinidades em corpo femininos no mundo do trabalho. In: Fábio Figueiredo Camargo;Paulo César Garcia. (Org.). Homocultura e linguagens. 01ed.Salvador: Eduneb, 2016, v. 01, p. 255-270.

  • MESSEDER, S. A. . A construção do conhecimento científico blasfêmico ou para além disso nos estudos de sexualidades e gênero. In: Bruna Andrade Irineu. (Org.). Diversidades e políticas da diferença: intervenções, experiências e aprendizagens em sexualidade, gênero e raça. 01ed.Tocantins: EDUFT, 2016, v. 01, p. 06-17.

  • MESSEDER, S. A. . O processo alquímico entre o conhecimento localizado, a subjetividade corpórea e o compromisso: um movimento do poder direcionado às justiças. In: SEFFNER, Fernando; CAETANO, Marcio. (Org.). Cenas latino-americanas da diversidade sexual e de gênero: práticas, pedagogias e políticas públicas. 1ed.RIO GRANDE: Ed. da FURG, 2015, v. 1, p. 257-280.

  • MESSEDER, S. A. . A crítica da razão baiana e a economia informal: os/as barraqueiros/as como microempreendedores e o. In: Gonçalves, Clézio Roberto; Gomes Janaína Damasceno; Muniz, Kassandra da Silva. (Org.). Pensando Áfricas e suas Diasporas: aportes teóricos para a discussão negro-brasileira. 01ed.Belo Horizonte: Nandyala, 2015, v. 01, p. 304-325.

  • MESSEDER, S. A. . NA TRILHA DE UM ATENDIMENTO MÉDICO ÉTICO E EFETIVO: um estudo sobre o mal-estar vivenciado pelas mulheres lésbicas masculinizadas na consulta ginecológica. In: Paula Regina Costa Ribeiro; Elenita Pinheiro de Queiroz; Filomena Teixeira. (Org.). Atravessamentos de gênero, corpos e sexualidades: linguagens, apelos, desejos, possibilidades e desafios.. 01ed.Porto Alegre: Editora da FURG, 2015, v. 01, p. 61-84.

  • FRANCA, E. ; MESSEDER, S. A. . Enlaçando a formação docente, o currículo, as questões de gênero e sexualidades. In: Claudia Regina de Oliveira Vaz Torres; Ivonte Barreto de Amorim; Adelmo Fernando Ribeiro Schindler Júnior. (Org.). Olhares multirreferenciais sobre a educação. 1ed.Curitiba: CRV, 2015, v. 1, p. 57-64.

  • FRANCA, E. ; MESSEDER, S. A. . As sexualidades na cultura escolar e na formação docente. In: Ivonete Barreto de Amorim; Geisa Arlete do Carmo Santos; Raphael Fontes Cloux. (Org.). Formação docente: olhares dialógicos sobre os fazeres e dizeres da práxis. 01ed.Salvador: kawo-kabiysile, 2014, v. , p. 153-168.

  • MESSEDER, S. A. . PRECISA ISSO?! : Desconstruindo o fio das masculinidades nas vivências de mulheres masculinizadas na Escola e no Mundo do Trabalho. In: TEREZA RODRIGUES VIEIRA. (Org.). MINORIAS SEXUAIS DIREITOS E PRECONCEITOS. 01ed.Brasilia: Consulex, 2012, v. 01, p. -.

  • MESSEDER, S. A. . ?No me hayo masculinizada, pero sí arrojada?. Los desafíos de la investigación sobre mujeres masculinizadas. In: ÁGUEDA GÓMEZ SUÁREZ. (Org.). NUEVAS MIRADAS SOBRE EL GÉNERO, LA SEXUALIDAD Y LA ETNICIDAD. 01ed.Santiago de Compostela: Andavira Editora, 2012, v. 01, p. 249-259.

  • MESSEDER, S. A. . Mesa 4 Novas Perspectivas e desafios políticos atuais. In: Colling, Leandro. (Org.). Stonewall 40+ o que no Brasil?. 01ed.Salvador: Edufba, 2011, v. 01, p. 247-257.

  • MESSEDER, S. A. . Navegando em busca do giro na heterossexualidade compulsória: a construção teórico-metodológica dos atos performativos masculinizados. In: Cosme Batista dos Santos; Paulo César Garcia; Roberto Seidel. (Org.). Critica cultural e educação básica: diagnósticos, proposições e novos agenciamentos. 01ed.São Paulo: Edunesp, 2011, v. V.1, p. 313-325.

  • MESSEDER, S. A. . Apontamentos sobre sexualidades na terceira onda do Movimento LGBT: um breve olhar nos estudos sobre sexualidades na produção científica no Brasil. In: Antônio de Pádua Dias da Silva. (Org.). Literatura Contemporânea e homoafetividade. 01ed.João Pessoa: UFPB, 2011, v. 01, p. 219-232.

  • MESSEDER, S. A. . En lo transatlatico la relación de deseo en los actos performativos masculino ante el imaginario sobre el hombre negro.. In: Agueda Gómez Suárez.. (Org.). Culturas sexuales indigenas. 01ed.Vigo: Andavira, 2010, v. 01, p. -.

  • MESSEDER, S. A. . O mito da virilidade do homem negro. In: Horácio Costa. (Org.). Retratos do Brasil homossexual IV Congresso da ABEH (Associação Brasileira de Estudos da Homocultura). Horácio Costa et al (org.).. 01ed.Sao Paulo: Edusp, 2010, v. 01, p. 1069-1080.

  • MESSEDER, S. A. ; Martins, M. A. M ; Miranda, Amanaiara . Gênero está para corpos masculinos e femininos, assim como sexualidades está para homessexualidade e abjeções: uma breve reflexão a partir das representações das sexualidades elaboradas pelos(as) professores(as) da rede metropolitana de Salvador.. In: In: Suely Aldir Messeder; Marco Antonio Matos Martins.. (Org.). Enlaçando Sexaulidades. 01ed.Salvador: Eduneb, 2010, v. v.1, p. 41-60.

  • MESSEDER, S. A. . Identidades e rupturas entre a teoria feminista e a teoria lésbica. In: MESSEDER, S; MARTINS, M.. (Org.). Enlaçando Sexualidades. 01ed.Salvador: Eduneb, 2010, v. 01, p. 127-136.

  • MESSEDER, S. A. . Um mergulho no Campo, uma História Narrada e um Esforço Teórico: a perplexidade diante das múltiplas identidades de gênero/sexo. In: Elizete Passos, Ívia Alves e Márcia Macedo. (Org.). Metamorfoses. Gênero na Perspectiva Interdisciplinar. : , 1997, v. , p. -.

  • MESSEDER, S. A. . Brancos e negros: En que se basean os actos performativos da masculinidade dos homes galegos en relación aos actos performativos dos homes negros na pálida Galicia?. edición dixital da revista galega de pensamento feminista Andaina, Santiago de Compostela Espanha, 01 jun. 2007.

  • MESSEDER, S. A. . Recensión. Agora papeles de filosofia, Santiago de Compostela, , v. 23, p. 277 - 281, 06 jul. 2005.

  • MESSEDER, S. A. ; PEREIRA, A. G. P. . SOCIOPOÉTICA - REVISTA DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO em LITERATURA E INTERCULTURALIDADE. AQUILO NEM PARECE MULHER FÊMEA?: A NARRATIVA DE UM CORPO ABJETO NA CONSTRUÇÃO DE LUZIA-HOMEM, Paraíba, p. 7 - 25.

  • MESSEDER, S. A. ; PEREIRA, A. G. P. . SOCIOPOÉTICA - REVISTA DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO em LITERATURA E INTERCULTURALIDADE. AQUILO NEM PARECE MULHER FÊMEA?: A NARRATIVA DE UM CORPO ABJETO NA CONSTRUÇÃO DE LUZIA-HOMEM, Paraíba, p. 7 - 25.

  • MESSEDER, S. A. ; PEREIRA, A. G. P. . SOCIOPOÉTICA - REVISTA DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO em LITERATURA E INTERCULTURALIDADE. AQUILO NEM PARECE MULHER FÊMEA?: A NARRATIVA DE UM CORPO ABJETO NA CONSTRUÇÃO DE LUZIA-HOMEM, Paraíba, p. 7 - 25.

  • MESSEDER, S. A. . A CONSTRUÇÃO DO CONHECIMENTO CIENTÍFICO BLASFÊMICO OU PARA ALÉM DISTO NOS ESTUDOS DE SEXUALIDADES E GÊNERO. In: II Congreso de Estudios Poscoloniales | III Jornadas de Feminismo Poscolonial, 2014, Buenos Aires. II Congreso de Estudios Poscoloniales | III Jornadas de Feminismo Poscolonial, 2014. v. 2.

  • Leite, Karine ; MESSEDER, S. A. . A maternidade nas mulheres masculinizadas lésbicas: A busca da proteção jurídica. In: III Seminário Enlaçando Sexualidades, 2013, Salvador. Anais do Seminário Enlaçando Sexualidades. Salvador: EDUNEB, 2013.

  • PEREIRA, A. G. P. ; MESSEDER, S. A. . Narrativas subversivas: imagens de uma política da subjetividade na literatura de Cassandra Rios. In: III Seminário Enlaçando Sexualidades, 2013, Salvador. Anais do Seminário Enlaçando Sexualidades. Salvador: EDUNEB, 2013.

  • MESSEDER, S. A. . Sexualidades e Direitos Humanos na tessitura do Estado: uma experiência antropológica sobre sexualidades na lógica estatal da Bahia ,. In: IV REA/XIII ABANNE, 2013, Fortaleza. IV REA/XIII ABANNE, 2013.

  • MESSEDER, S. A. . DA CONSTRUÇÃO DO OBJETO AO TRABALHO DE CAMPO: UM ESTUDO SOBRE OS/AS MICROEMPRESÁRIOS/AS. In: XV ENCONTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS DO NORTE E NORDESTE e PRÉ-ALAS, 2012, Terezina. Anais 15 Encontro de Ciências do Norte e Nordeste. Terezina, 2012.

  • MESSEDER, S. A. . O MUNDO DO TRABALHO DAS MULHERES MASCULINIZADAS: UM ESTUDO SOBRE AS MASCULINIDADES EM CORPOS FEMININOS. In: XVIII. Encontro Nacional de Estudos Populacionais:transformações na população brasileira: complexidades, incertezas e perspectivas, 2012, Aguas de Lindoia. XVIII. Encontro Nacional de Estudos Populacionais:transformações na população brasileira: complexidades, incertezas e perspectivas,19 a 23 de novembro de 2012 / Águas de Lindóia, SP: ABEP, 2012., 2012.

  • MESSEDER, S. A. . O que tem a ver sexualidade e gênero na relações de poder, trabalho e desejo dos microempresários?. In: IX Reunião de Antropologia do Mercosul,, 2011, Porto Alegre. Culturas, Encontros e Desigualdades, 2011.

  • MESSEDER, S. A. . A fala de abertura do II Seminário Enlaçando Sexualidades. In: II Seminário Enlaçando Sexualidades, 2011, Salvador. Anais II Seminário Enlaçando Sexualidades (2011). Salvador: Eduneb, 2011.

  • MESSEDER, S. A. . NO ENLACE DOS ATOS PERFORMATIVOS MASCULINOS A TEORIA FEMINISTA E A TEORIA QUEER: ARTICULANDO CLASSE, RAÇA, GÊNERO E SEXUALIDADES. In: IV ENECULT Encontro de Estudos Multicplinares em Cultura, 2010, Salvador. VI ENECULT. Salvador, 2010.

  • MESSEDER, S. A. . A dimensão do trabalho na Comunidade Autônoma de Galícia e o mercado dual: um breve relato sobre a inserção dos homens negros migrantes no mundo do trabalho galego. In: XVII ENCONTTRO NACIONAL DE ESTUDOS POPULACIONAIS, 2010, CAXAMBU. XVII ENCONTTRO NACIONAL DE ESTUDOS POPULACIONAIS, 2010.

  • MESSEDER, S. A. ; Martins, M. A. M ; OLIVEIRA,RSP ; Miranda, Amanaiara ; Alves, Barbara . http://www.cneu.com.br/index.php. In: II CONGRESSO NORDESTINO DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA, 2010, Recife. II CONGRESSO NODESTINO DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA: CIDADANIA E SUSTENBILIDADE: DESAFIOS, CAMINHOS E SOLUÇÕES, 2010. p. 393-413.

  • MESSEDER, S. A. . A construção do sexo do homem negro na diáspora: um estudo sobre as relações de desejo nas masculinidades de varões migrantes na Espanha. In: Fazendo Gênero, 2010, Florianópolis. Anais Eletrônico. Florianópolis: UFSC, 2010.

  • MESSEDER, S. A. . Do 'chambrão' à caminhoneira: um estudo sobre as masculinidades vivenciadas em corpos de fêmea. In: 27a Reunião Brasileira de Antropologia (RBA), 2010, Belem. Anais 27ª RBA, 2010.

  • MESSEDER, S. A. . APONTAMENTOS SOBRE SEXUALIDADE S NA TERCEIRA ONDA DO MOVIMENTO LGBT: UM BREVE OLHAR NOS ESTUDOS SOBRE SEXUALIDADES NA PRODUÇÃO CIENTÍFICA NO BRASIL. In: VII Colóquio Nacional Representações de Gênero e Sexualidades, 2010, Campina Grande. Anais VII Colóquio Nacional Representações de Gênero e de Sexualidades III Simpósio Nacional de Psicologia e Crítica da Cultura Rumos dos Estudos de Gênero e Sexualidades na Agenda Contemporânea, 2010.

  • MESSEDER, S. A. . O que tem a ver o mundo do trabalho com o imaginário do matriarcado galego e o imaginário sobre os homens negros na travessia do Atlântico?. In: VIII Reunião de Antropologia do Mercosul, 2009, Buenos Aires. VIII Reunião de Antropologia do Mercosul, 2009.

  • MESSEDER, S. A. . La trayectoria transnacional de las relaciones entre los actos performativos de hombres negros y hombres blancos en la Comunidad Autónoma de Galicia.. In: IX JORNADAS NACIONALES DE HISTORIA DE LAS MUJERES Y IV CONGRESO IBEROAMERICANO DE ESTUDIOS DE GÉNERO, 2008, rosario. "Los caminos de la libertad y la igualdad en la diversidad", 2008.

  • MESSEDER, S. A. . Por qué es la antropóloga, por eso no es ?puta? brasileña? Do mito fundador ao imaginário da mulher brasileira na Comunidade Autônoma de Galícia. In: XVI Encontro ABEP, 2008, Caxambu. Trabalhos aprovados para apresentação em Sessão Temática, 2008.

  • MESSEDER, S. A. . As relações de masculinidades transnacionais de imigrantes negros e autóctones na Comunidade Autônoma de Galícia. In: XVI Encontro Nacional de Estudos Populacionais, ABEP, 2008, CAXAMBU. XVI Encontro Nacional de Estudos Populacionais, ABEP, realizado em Caxambú-, 2008.

  • MESSEDER, S. A. . Navegando em águas ibéricas: cruzando habitus engendrado e racializado em homens pretos e brancos na Galícia. In: VII RAM Reunião de Abtropologia do Mercosul, 2007, Porto Alegre. Desafios Antropologicos, 2007.

  • MESSEDER, S. A. . ?Lá você vai ser uma pedaço de carne...?: Entrelaçando o ato performativo da masculinidade subalterna com o mercado sexual dos homens pretos na Galícia. In: 5° Encontro Nacional Sobre Migração, 2007, CAMPINAS. 5° Encontro Nacional Sobre Migração, 2007.

  • MESSEDER, S. A. . Namorei não, peguei: o pegar como uma forma de relacionamento amoroso-sexual entre os jovens. In: XIII Encontro da Associação Brasileira de Estudos Populacionais, 2002, Ouro Preto. XIII Encontro da Associação Brasileira de Estudos Populacionais, 2002.

  • MESSEDER, S. A. . Um jeito de corpo. In: XX II Reunião Brasileira de Antropologia, 2000, Brasilia. XX II Reunião Brasileira de Antropologia, 2000.

  • MESSEDER, S. A. . Namorei não, peguei: uma forma de relacionamento amoroso e/ou sexual entre os jovens.. In: I Seminário Conjunto do Programa Interinstitucional de metodologia de Pesquisa em gênero, sexualidade e saúde reprodutiva., 2000, São Paulo. I Seminário Conjunto do Programa Interinstitucional de metodologia de Pesquisa em gênero, sexualidade e saúde reprodutiva., 2000.

  • MESSEDER, S. A. . A construção artesanal do fazer metodológico: o desafio de capturar as imagens gestuais de homens em situação de sociabilidade.. In: VII Encontro da Redor, 1998, São Luiz. VII Encontro da Redor, 1998.

  • MESSEDER, S. A. . Refletindo sobre história de vida numa alquimia das actegorias: gênero, raça e geração. In: V Congresso Afro-brasileiro, 1997, Salvador. Anais, 1997.

  • MESSEDER, S. A. . Construção do projeto de vida no desenrolar das categorias de gênero e geração.. In: XX Reunião Brasileira de Antropologia, 1996, Salvador, 1996.

  • MESSEDER, S. A. . A baianidade e o ?cacete armado?: um estudo sobre os/as microempreendedores da região metropolitana de Salvador. In: xx Congresso Internacional de Antropologia de Ibero-América, 2014, Porto Alegre. Corpos, Espaços e Cultura na era das expectativs expandidas, 2014.

  • FERNANDEZ, G. N. P. ; MESSEDER, S. A. . ?Mulher de bigode nem o diabo pode?: práticas e representações machistas vivenciadas pelas mulheres masculinizadas práticas e representações machistas vivenciadas pelas mulheres masculinizadas. In: III Seminário Enlaçando Sexualidades, 2013, Salvador. Anais do Seminário Enlaçando Sexualidades. Salvador: EDUNEB, 2013.

  • MESSEDER, S. A. . Parece um homem! : um estudo sobre as masculinidades sem homens na região metropolitana de Salvador. In: 6o. Seminario Nacional "Homens e masculinidades: práticas de intimidade e políticas públicas, 2010, Recife. 6o. Seminario Nacional "Homens e masculinidades. Recife, 2010. v. 01.

  • MESSEDER, S. A. . As continuidades dos atos performativos masculinizados citados pelos migrantes angolanos, brasileiros e cubanos na Comunidade Autônoma de Galícia.. In: REA REUNIÃO EQUATORIAL DE ANTROPOLOGIA - REUNIÃO DOS ANTROPOLOGOS DO NORTE E NORDESTE, 2009, NATAL. REUNIÃO EQUATORIAL DE ANTROPOLOGIA/REUNIÃO DE ANTROPOLOGOS NORTE E NORDESTE, 2009.

  • MESSEDER, S. A. . Identidades e rupturas entre teoria feminista e teoria lésbica. In: Enlaçando Sexualidades, 2009, Salvador. Enlaçando Sexualidades. Salvador: EDUNEB, 2009.

  • MESSEDER, S. A. . Você é brasileiro, as mulheres gostam, e se é negro, gostam mais ainda... os homens...: os gays já não sei: Um estudo sobre as relações inter-raciais e inter-sexuais a partir dos atos performativos dos imigrantes negros na Galícia.. In: Homens, Gênero e Políticas Públicas, 2008, Recife. Seminário Homens, Gênero e Políticas Públicas, 2008. v. 01.

  • MESSEDER, S. A. . CONTINUIDADES Y DISCONTINUIDADES: MASCULINIDADES Y CUERPOS. UN ESTUDIO SOBRE HOMBRES ENCARNADOS EN CUERPOS NEGROS CON DIVERSAS PRÁCTICAS ERÓTICAS EN LA CIUDAD DE SALVADOR. In: X CONGRESO DE ANTROPOLOGÍA, 2005, SEVILLA. Antropologia Feminista y/o del genero, 2005.

  • MESSEDER, S. A. . Não se nasce homem, tornar-se homem: um estudo sobre as práticas e rpresentações sobre o corpo elaboradas por jovens negros de classes populares. In: 2 Seminario Intenarcional e 1 Seminario Norte/Nordeste, 2003, Recife. Homens, sexualidade e reprodução: tempos, práticas e vozes, 2003.

  • MESSEDER, S. A. . Mulheres negras masculinizadas: um estudo sobre os processos de subjetivações na infância e na adolescência. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • MESSEDER, S. A. . A baianidade e o ?cacete armado?: um estudo sobre os/as microempreendedores da região metropolitana de Salvador. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • MESSEDER, S. A. ; Leite, Karine . Ela tem uma filha... acho que ela não é sapa!?: Entre a maternidade e a lesbianidade na trajetória de vida das mulheres masculinizadas. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • MESSEDER, S. A. . Fio das masculinidades. 2013. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MESSEDER, S. A. . O entre lugar na construção de gênero e lugar da ética do cuidado na construção do conhecimento. 2013. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • MESSEDER, S. A. . O monopólio das sexualidades mas mãos do Estado, da Religião e do Movimento Social. 2013. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • MESSEDER, S. A. . Mulheres masculinizadas em foco. 2013. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MESSEDER, S. A. . Entre gênero e sexualidades: possíveis maneiras de ser mulher vivenciando as masculinidades. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • MESSEDER, S. A. . A CONSTRUÇÃO E O BALANÇO DO SEMINÁRIO ENLAÇANDO SEXUALIDADES. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • MESSEDER, S. A. . A desconstrução da sexualidade e do gênero na vivência amorosa/sexual das mulheres masculinizadas da Cidade do Salvador. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • MESSEDER, S. A. . '?Não me acho masculinizada, mas sim arrojada?:Os desafios na pesquisa sobre mulheres masculinizadas'.. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • MESSEDER, S. A. . No me siento masculina, pero audaz: un estudio sobre las masculinidad sin hombres. 2012. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MESSEDER, S. A. . O que tem a ver sexualidade e gênero na relações de poder, trabalho e desejo dos microempresários?. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • MESSEDER, S. A. . O mundo do trabalho e a vivência das mulheres masculinizadas: desconstruindo o conceito da divisão sexual do trabalho, mas mantendo a ambiguidade entre gênero/sexo. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • SANTOS, R. ; MESSEDER, S. A. . REPRESENTAÇÃO SOCIAL DOS MICROEMPRESÁRIOS/AS SEXAGENÁRIOS/AS DE CAMAÇARI SOBRE OS FUNCIONÁRIOS E CLIENTES LGBTTT. 2011. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MESSEDER, S. A. . A construção do sexo do homem negro na diáspora: um estudo sobre as relações de desejo nas masculinidades de varões migrantes na Espanha. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • MESSEDER, S. A. . ?LARGUEI UM EMPREGO BOM..., NÃO TEM QUE FAÇA EU VESTIR UM VESTIDO?: O MUNDO DO TRABALHO VIVIDO PELAS MULHERES MASCULINIZADAS. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • OLIVEIRA,RSP ; MESSEDER, S. A. . OLIVEIRA, R. S. P. ; MESSEDER. S. A . EXPERIÊNCIA DA OFICINA MEUS DIREITOS, SEUS DIREITOS, DIREITOS DE TOD@S.. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MESSEDER, S. A. . As continuidades dos atos performativos masculinizados citados pelos migrantes angolanos, brasileiros e cubanos na Comunidade Autônoma de Galícia.. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • MESSEDER, S. A. . Um breve panorama sobre as representações das sexualidades elaboradas pelos professores/as da rede metropolitana de Salvador. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • MESSEDER, S. A. . Navegando nos estudos das masculinidades: articulando teoria feminista e teoria queer. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • MESSEDER, S. A. . La trayectoria transnacional de las relaciones entre loa actos performativos de hombres negros y hombres blancos en la Comunidade Autonoma de Galicia. 2008. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • MESSEDER, S. A. . O MITO DA VIRILIDADE DO HOMEM NEGRO. 2008. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • MESSEDER, S. A. . Por qué es la antropóloga, por eso no es ?puta? brasileña? Do mito fundador ao imaginário da mulher brasileira na Comunidade Autônoma de Galícia. 2008. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • MESSEDER, S. A. . O paradoxo do mito da virilidade do homem negro: um estudo sobre as masculinidades de homens autóctones e imigrantes negros na Comunidade Autônoma de Galícia. 2008. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • MESSEDER, S. A. . As relações de masculinidades transnacionais de imigrantes negros e autóctones na Comunidade Autônoma de Galícia. 2008. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • MESSEDER, S. A. . .? Lá você vai ser um pedaço de carne... : Entrelaçando o ato performativo da masculinidade subalterna com o mercado sexual dos homens pretos na Galícia. 2007. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • MESSEDER, S. A. . ?Navegando em águas ibéricas: cruzando habitus engendrado e racializado em homens pretos e brancos na Galícia. 2007. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • MESSEDER, S. A. . Continuidades e descontinuidades: Masculinidades e Corpos. Um estudo sobre homens encarnados em corpos negros com diversas praticas eróticas na cidade de Salvador. 2005. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • MESSEDER, S. A. . O trabalho de campo de uma antropologa num projeto de intervenção social na cidade de Itaberaba: um jogo entre a cidadania e a relativização. Apresentado no Prêmio ABA/FORD, 2002 (MONOGRÁFICA).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

MESSEDER, S. A. ; Teixeira, M . TERMO DE COOPERAÇÃO TÉCNICA QUE ENTRE SI CELEBRAM A UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA E O MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DA BAHIA. 2014.

MESSEDER, S. A. . TERMO DE COOPERAÇÃO TÉCNICA QUE ENTRE SI CELEBRAM A UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA E O MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DA BAHIA. 2012.

MESSEDER, S. A. . ? Convênio N 02/ SJCDH/2012/LGBT celebrado entre a Secretaria da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos e Universidade do Estado da Bahia. 2012.

MESSEDER, S. A. . Convênio 011/2012 entre Secretaria de Políticas Públicas para as Mulheres e Universidade do Estado da Bahia. 2012.

MESSEDER, S. A. . XX Jornada de Iniciação Científica. 2016.

MESSEDER, S. A. . MASCULINIDADES E TURISMO: UM ESTUDO SOBRE OS ATOS. 2012.

MESSEDER, S. A. . SEGUNDO RELATÓRIO PARCIAL DO EVENTO ENLAÇANDO SEXUALIDADES. 2010.

MESSEDER, S. A. . Curso de aperfeiçoamento e/ou extensão em Gestão de Políticas Pública com foco na Temática de Gênero e Raça,. 2010.

MESSEDER, S. A. . Capacitação do Observatório da Discriminação racial, violência contra a mulher e combate a homofobia. 2010.

MESSEDER, S. A. . Sigproje Sistema de Informação e Gestão de Projetos. 2010.

MESSEDER, S. A. . Relatório Técnico de Publicação. 2009.

MESSEDER, S. A. . O DIREITO E OS MOVIMENTOS SOCIAIS: UM ESTUDO SOBRE O ASSESSORAMENTO JURÍDICO PRESTADOS PELAS ENTIDADES QUE TRABALHAM COM OS JOVENS.. 2001.

MESSEDER, S. A. . A política de gestão ambiental: um estudo sobre as práticas ambientais desenvolvidas pelas esferas públicas e privadas na cidade de Camaçari. 2001.

MESSEDER, S. A. . Projeto de apoio ao desenvolvimento comunitário e geração de renda nos conjuntos habitacionais Itaberaba I e Itaberaba III. 1999.

MESSEDER, S. A. . Sexualidade & corpo: jovens negros dos setores populares o que têm a ver com isso?. 1997.

MESSEDER, S. A. ; Adriana dos Santos Marmori Lima ; BRITO, A. S. . Mulheres Cientistas na/da Bahia. 2015; Tema: Mulheres na Ciência. (Blog).

MESSEDER, S. A. . Fio das Masculinidades. 2014; Tema: Masculinidades e relações de gênero. (Blog).

MESSEDER, S. A. . Mulheres Cientistas na/da Bahia. 2014; Tema: Mulheres Cientistas. (Blog).

MESSEDER, S. A. ; Alves, Barbara ; MOUTINHO, L. ; CHACHAM, A. S. . Fio das masculinidades. 2014; Tema: Masculinidades. (Blog).

MESSEDER, S. A. ; BARBOSA, N. L. . CINE BLASFÊMIA: ENLACES SOBRE VIOLÊNCIA, SEXUALIDADES, GÊNERO E RAÇA. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

MESSEDER, S. A. . IV Enlaçando Sexualidades. 2016. (Relatório de pesquisa).

MESSEDER, S. A. . Relatório final Masculinidade em corpos femininos: tecendo articulações entre pesquisa, extensão e políticas públicas sobre e com estas mulheres. 2014. (Relatório de pesquisa).

MESSEDER, S. A. . Relatório de Pesquisa Masculinidades em corpos femininos e suas vivências: um estudo sobre os atos performativos masculinos reproduzidos pelas mulheres nas cidades de Alagoinhas, Camaçari e Salvador. 2013. (Relatório de pesquisa).

MESSEDER, S. A. . Relatório Final do evento III Seminário Enlaçando Sexuaidades. 2013. (Relatório de pesquisa).

MESSEDER, S. A. . Treinamento Metodologia de Pesquisa em Sexualidades, Gênero e Direitos Humanos. 2012. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

MESSEDER, S. A. . Relatório Técnico do Projeto de Evento Enlaçando Sexualidades. 2012. (Relatório de pesquisa).

MESSEDER, S. A. . Relatório final do Projeto Masculinidades e Turismo: um estudo sobre os atos performativos masculinos reproduzidos pelos microempresários da região. 2012. (Relatório de pesquisa).

MESSEDER, S. A. . Coleção Enlaçando Sexualidades. 2010. (permanente).

MESSEDER, S. A. . A contrução do olhar antropologico. 2010. (permanente).

MESSEDER, S. A. ; Miranda, Amanaiara ; Santos, Ana . Treinamento Metodológico para a participaçao dos professores/as da rede publica de Ensino no evento Enlaçando Sexualidades. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

MESSEDER, S. A. ; BARBOSA, N, L . Famílias contra a Homofobia e LGBTfobia. 2016. Outra.

MESSEDER, S. A. ; Teixeira, M . Fio das Masculinidades - Documentário. 2013. Vídeo.

MESSEDER, S. A. . O Grito. 2010.

MESSEDER, S. A. . Décimo Primeiro relatório técnico do projeto de apoio ao desenvolvimento comunitário e geração de renda nos conjuntos habitacionais Itaberaba I e Itaberaba III. 2000 (INFORMATIVA) .

MESSEDER, S. A. . Décimo Segundo relatório técnico do projeto de apoio ao desenvolvimento comunitário e geração de renda nos conjuntos habitacionais Itaberaba I e Itaberaba III. 2000 (INFORMATIVA) .

MESSEDER, S. A. . Décimo Terceiro relatório técnico do projeto de apoio ao desenvolvimento comunitário e geração de renda nos conjuntos habitacionais Itaberaba I e Itaberaba III. 2000 (INFORMATIVA) .

MESSEDER, S. A. . Décimo Quarto relatório técnico do projeto de apoio ao desenvolvimento comunitário e geração de renda nos conjuntos habitacionais Itaberaba I e Itaberaba III. 2000 (INFORMATIVA) .

MESSEDER, S. A. . Décimo Sexto relatório técnico do projeto de apoio ao desenvolvimento comunitário e geração de renda nos conjuntos habitacionais Itaberaba I e Itaberaba III. 2000 (INFORMATIVA) .

MESSEDER, S. A. . Décimo Quinto relatório técnico do projeto de apoio ao desenvolvimento comunitário e geração de renda nos conjuntos habitacionais Itaberaba I e Itaberaba III. 2000 (INFORMATIVA) .

MESSEDER, S. A. . Décimo Sétimo relatório técnico do projeto de apoio ao desenvolvimento comunitário e geração de renda nos conjuntos habitacionais Itaberaba I e Itaberaba III. 2000 (INFORMATIVA) .

MESSEDER, S. A. . Décimo Oitavo relatório técnico do projeto de apoio ao desenvolvimento comunitário e geração de renda nos conjuntos habitacionais Itaberaba I e Itaberaba III. 2000 (INFORMATIVA) .

MESSEDER, S. A. . Primeiro Relatório técnico do Projeto de apoio ao desenvolvimento comunitário e geração de renda nos conjuntos habitacionais Itaberaba I e Itaberaba III. 1999 (INFORMATIVA) .

MESSEDER, S. A. . Segundo relatório técnico do projeto de apoio ao desenvolvimento comunitário e geração de renda nos conjuntos habitacionais Itaberaba I e Itaberaba III. 1999 (INFORMATIVA) .

MESSEDER, S. A. . Terceiro relatório técnico do projeto de apoio ao desenvolvimento comunitário e geração de renda nos conjuntos habitacionais Itaberaba I e Itaberaba III. 1999 (INFORMATIVA) .

MESSEDER, S. A. . Quarto relatório técnico do projeto de apoio ao desenvolvimento comunitário e geração de renda nos conjuntos habitacionais Itaberaba I e Itaberaba III. 1999 (INFORMATIVA) .

MESSEDER, S. A. . Sexto relatório técnico do projeto de apoio ao desenvolvimento comunitário e geração de renda nos conjuntos habitacionais Itaberaba I e Itaberaba III. 1999 (INFORMATIVA) .

MESSEDER, S. A. . Setimo relatório técnico do projeto de apoio ao desenvolvimento comunitário e geração de renda nos conjuntos habitacionais Itaberaba I e Itaberaba III. 1999 (INFORMATIVA) .

MESSEDER, S. A. . Oitavo relatório técnico do projeto de apoio ao desenvolvimento comunitário e geração de renda nos conjuntos habitacionais Itaberaba I e Itaberaba III. 1999 (INFORMATIVA) .

MESSEDER, S. A. . Nono relatório técnico do projeto de apoio ao desenvolvimento comunitário e geração de renda nos conjuntos habitacionais Itaberaba I e Itaberaba III. 1999 (INFORMATIVA) .

MESSEDER, S. A. . Décimo relatório técnico do projeto de apoio ao desenvolvimento comunitário e geração de renda nos conjuntos habitacionais Itaberaba I e Itaberaba III. 1999 (INFORMATIVA) .

MESSEDER, S. A. . Décimo Quinto relatório técnico do projeto de apoio ao desenvolvimento comunitário e geração de renda nos conjuntos habitacionais Itaberaba I e Itaberaba III. 1999 (INFORMATIVA) .

MESSEDER, S. A. . Quinto relatório técnico do projeto de apoio ao desenvolvimento comunitário e geração de renda nos conjuntos habitacionais Itaberaba I e Itaberaba III. 1999 (INFORMATIVA) .

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2014 - Atual

    O Disque 100 e o Ministério Público do Estado da Bahia: um estudo sobre os tipos de denúncias de violência registradas no Disque 100 correlata ás pessoas LGBTs no âmbito do estado baiano, Descrição: Este projeto tem como objetivo identificar, analisar e compreender o Serviço Disque 100, vinculado à Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República (SDH/PR) e gerido pela Ouvidoria Nacional de Direitos Humanos. Este serviço caracteriza-se por ser um serviço de utilidade pública, que se disponibiliza a receber demandas relativas à violações de Direitos Humanos, em especial, as que atingem populações vulneráveis, tais como: Crianças e Adolescentes, Pessoas Idosas, Pessoas com Deficiência, Pessoas LGBT, Pessoas em Situação de Rua e Outros, como quilombolas, ciganos, índios, pessoas em privação de liberdade. Esta proposta origina se através da relação já estabelecida entre o Ministério Público/Ba e a Universidade do Estado da Bahia, mediante o termo de Cooperação Técnica para a articulação e interação em atividades da área técnica-científica, cujo objetivo expressa-se pela proteção e pela defesa dos direitos humanos da população LGBT. Pretende-se empregar a metodologia quali-quanti nesta investigação, uma vez que os registros das denúncias serão analisados em sua totalidade tendo dentro do recorte do período de quatro anos (de 2010 a 2013), com ênfase na população LGBT. Os dados, uma vez sistematizados, ajudarão na criação de categorias de análise e/ou núcleos de significação de temas emergentes, por semelhança entre eles, complementaridade ou oposição. Cabe destacar, a relação estreita que se iniciará com os/as jovens estudantes do Curso de Direito da UNEB com o Ministério Público e a Ouvidoria, tendo como tessitura desta relação o debate com os Direitos Humanos, cujo entendimento faz-se imprescindível a este trabalho. No campo do debate científico são escassos os estudos que versam sobre o Serviço Disque 100, muito embora ele seja ovacionado e bastante divulgado em sua breve existência de 10 anos, quer seja pelo Estado, quer seja pelos meios publicitários. Neste sentido, estamos diante de um tema que atravessa a fronteira disciplinar, cujo conteúdo a ser produzido nesta investigação tem como meta central a elaboração de políticas públicas que buscam aperfeiçoar um serviço prestado diretamente à população vulnerável da nossa sociedade.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Suely Aldir Messeder - Coordenador / WEDJA PAULA BEZERRA SILVA - Integrante / Roqueline Cruz Estrela - Integrante / Taianne Cardeal Freire Araújo - Integrante / Anhamona Silva de Brito - Integrante.

  • 2014 - Atual

    A BAIANIDADE E O/A EMPREENDEDOR/A EM SEU FAZER COTIDIANO: UM ESTUDO SOBRE OS/AS MICROEMPREENDORES/AS E SEUS ESTABELECIMENTOS NA CIDADE DE CAMAÇARI, Descrição: No final da primeira década de 2000, iniciam-se os estudos socioculturais sobre microempreendedores/as na disciplina de antropologia ministrada no Departamento de Ciências Humanas e Tecnológicas da Universidade do Estado da Bahia no Município de Camaçari no Curso de Ciências Contábeis. O ineditismo desses estudos decorre por três motivos: a) O município situa-se na Região Metropolitana de Salvador (RMS) a 45 km da capital baiana, e é considerado um dos municípios mais ricos do Nordeste do país, abrigando o Polo Petroquímico e um Polo Automobilístico; b) consequentemente os estudos realizados, até então, centravam-se no interior do mundo fabril e, nos seus impactos ambientais; c) pouco interesse por parte dos discentes e docentes em participar de projetos de pesquisa socioculturais, aparentemente desconexos com suas áreas de interesses nas ciências sociais aplicadas: Ciências Contábeis e Direito. Esta situação aparentemente áspera e não acolhedora começa a transforma-se a partir de quatro acontecimentos: 1) A seleção do projeto Masculinidades e turismo: um estudo sobre os atos performativos masculinos reproduzidos pelos microempresários da Região Metropolitana de Salvador (RMS), mediante o edital Chamada MCTI/CNPq/MEC/CAPES /2010; 2) A parceria e a consolidação deste Departamento com o Doutorado Multi-institucional, Multidisciplinar em Difusão do Conhecimento, tendo apoio da Prefeitura de Camaçari; 3) A premiação dos resultados desta pesquisa no VII Seminário de Pesquisa,Pós-Graduação e Inovação promovido pela PPG(Programa de Pesquisa e Pós-Graduação da UNEB); 4) a professora contadora do Curso de Ciências Contábeis deste Departamento insere-se no âmbito do projeto e na Equipe de Pesquisa como doutoranda. Diante deste cenário mais animador e otimista tornou-se mais evidente e necessário a continuidade dos estudos socioculturais sobre microempreendedores entrelaçando com os marcadores sociais de gênero, relações raciais, relações etárias e orientação sexual. Decorridos três anos do edital apresenta-se uma nova proposta de projeto através do Núcleo de Pesquisa Enlace, cujos/as interlocutores/as serão ainda os microempreendedores/as, muito embora, o ramo de negócio seja diferenciado. Esta nova proposta de pesquisa será desenvolvida no período de três anos e tem como objetivo investigar como se opera o modus operandi, as biografias, processos de subjetivação e os processos cognitivos do microempreendedor/as baiano ao conduzir o seu estabelecimento/negócio no cotidiano da cidade de Camaçari. Aqui se pretende articular temas aparentemente desconexos entre os estudos clássicos sobre economia e os estudos sobre baianidade. Se por um lado, existe um acervo sobre baianidade cujos estudos privilegiam as representações, enquanto as práticas/agências/estratégias e as subjetividades dos/as atores são desprezadas. Por outro lado, os estudos desenvolvidos sobre a economia baiana em prol de uma racionalidade do mercado menosprezam aquilo que nós, antropólogos/as, identificamos em nosso ofício, que são as formas de ser e de agir das pessoas em suas interações socioculturais. Para o desenrolar deste projeto teremos como procedimentos metodológicos: observação participante, história de vida , aplicação do survey e produção de conteúdos digitais para o jogo RPG by Moodle direcionados aos microempreendores. Aqui se almeja mapear, enumerar e catalogar os empreendimentos, em espaços delimitados na cidade de Camaçari; cartografar as subjetividades, os processos cognitivos e o modus operandi dos/as proprietários/as dos bares, pousadas e salões de beleza, na tentativa de identificar as suas implicações com o ethos da baianidade e do cacete armado. Como resultado desta proposta pretende-se criar e consolidar o laboratório dos Estudos da Cultura Hibrida no Município de Camaçari,. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suely Aldir Messeder - Coordenador / Laura Moutinho - Integrante / Sérgio Henrique Conceição - Integrante / Gilson Barbosa Dourado - Integrante / Eduardo Oliveira - Integrante / Dante Augusto Galeffi - Integrante / Alfredo Eurico Rodrigues Matta - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia - Auxílio financeiro.

  • 2013 - Atual

    A construção da tecnologia social com as microempresárias e os CETEPs: um estudo sobre as microempresárias baianas e o ethos do cacete armado em Alagoinhas, Descrição: A presente proposta de pesquisa tem como objetivo desenvolver tecnologia social mediante o modus operandi das microempresárias negras, com foco ao ethos do cacete armado, associada aos saberes da produção cientifica e da educação profissional. A categoria nativa cacete armado tem a ver diretamente com a ideia do improviso, da falta de planejamento, do descuido pelos detalhes e da precariedade de recursos vivenciada por estes(as) microempresários/as. Aqui, pretende-se empregar a metodologia quali-quanti considerando dois procedimentos: a) aplicação de questionários; b) entrevistas em profundidade sobre história de vida das microempresárias. Nesta pesquisa, dar-se-á um enfoque ao tipo de relação entre os/as microempresários e o CETEP, buscando compreender e identificar como a formação educacional profissional tem reverberado no contexto destes microempresários/as. A pesquisa desenvolver-se-á em dois bairros com critérios de escolha similares nas cidades de Alagoinhas e Camaçari, com isto, prevê-se a articulação entre o Mestrado de Crítica Cultural ? Campus II, o Departamento de Ciências Humanas e Tecnologicas- Campus XIX, o Doutorado Multi-institucional e Multidisciplinar em Difusão do Conhecimento com os dois Centros de Educação Profissional da Rede Estadual de Educação.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Suely Aldir Messeder - Coordenador / Márcia Figueredo D`Souza - Integrante / Sérgio Henrique Conceição - Integrante / Gilson Barbosa Dourado - Integrante / Raimundo Washington dos Santos - Integrante / Elaine de Araúlo Carneiro - Integrante.Financiador(es): Universidade do Estado da Bahia - Auxílio financeiro.

  • 2012 - Atual

    Conexões na produção e na aplicação do conhecimento colaborativo na interface com os setores desfavorecidos da/na sociedade, Descrição: Este projeto tem como proposta identificar, produzir , difundir e aplicar conhecimento colaborativo, mediante o diálogo com os setores menos favorecidos na sociedade. Os temas (agricultura familiar, turismo de base comunitária, habitação popular, energias alternativas, reciclagem de resíduos, produção e conservação de alimentos, segurança pública, moda e vestuário, setores de serviço, dentre outros) a serem explorados tem a ver diretamente com a possibilidade de estabelecer conexões com a criação de tecnologias sociais (TS). Entende-se como tecnologias sociais como soluções tecnológicas que tem como objetivo a inclusão social de segmentos desfavorecidos da sociedade. Elaboradas ou aprimoradas na interface entre academia, movimentos sociais, empreendimentos solidários, órgãos do governo e comunidades locais, as TS se originam de esforços orientados para a satisfação de demandas cognitivas que venham a favorecer a melhoria das condições de vida e trabalho na base da pirâmide social. Ao tempo em que as tecnologias tradicionais são desenvolvidas para serem aplicadas por empresas privadas, as TS são desenhadas para serem aplicadas por diferentes tipos de organização que tem sido denominadas genericamente de empreendimentos solidários. No caso das tecnologias tradicionais, a inovação se concretiza na medida em que ela é introduzida no mercado por uma empresa privada, ao passo que quando se trata de tecnologias sociais a inovação resulta da sua aplicação através de empreendimentos solidários.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Doutorado: (3) . , Integrantes: Suely Aldir Messeder - Coordenador / Alfredo Eurico Rodrigues Matta - Integrante / Dante Augusto Galeffi - Integrante / Elias Ramos de Souza - Integrante / Francisca de Paula Santos da Silva - Integrante / Núbia Moura Ribeiro - Integrante / Hugo Saba Pereira Cardoso - Integrante.Número de orientações: 1

  • 2012 - Atual

    Conexões na produção e na aplicação do conhecimento colaborativo na interface com os setores desfavorecidos da/na sociedade, Descrição: Este projeto tem como proposta identificar, produzir , difundir e aplicar conhecimento colaborativo, mediante o diálogo com os setores menos favorecidos na sociedade. Os temas (agricultura familiar, turismo de base comunitária, habitação popular, energias alternativas, reciclagem de resíduos, produção e conservação de alimentos, segurança pública, moda e vestuário, setores de serviço, dentre outros) a serem explorados tem a ver diretamente com a possibilidade de estabelecer conexões com a criação de tecnologias sociais (TS). Entende-se como tecnologias sociais como soluções tecnológicas que tem como objetivo a inclusão social de segmentos desfavorecidos da sociedade. Elaboradas ou aprimoradas na interface entre academia, movimentos sociais, empreendimentos solidários, órgãos do governo e comunidades locais, as TS se originam de esforços orientados para a satisfação de demandas cognitivas que venham a favorecer a melhoria das condições de vida e trabalho na base da pirâmide social. Ao tempo em que as tecnologias tradicionais são desenvolvidas para serem aplicadas por empresas privadas, as TS são desenhadas para serem aplicadas por diferentes tipos de organização que tem sido denominadas genericamente de empreendimentos solidários. No caso das tecnologias tradicionais, a inovação se concretiza na medida em que ela é introduzida no mercado por uma empresa privada, ao passo que quando se trata de tecnologias sociais a inovação resulta da sua aplicação através de empreendimentos solidários.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (3) . , Integrantes: Suely Aldir Messeder - Coordenador / Alfredo Eurico Rodrigues Matta - Integrante / Ana Maria Ferreira Menezes - Integrante / Elias Ramos de Souza - Integrante / Francisca de Paula Santos da Silva - Integrante / Fatima Hanaque - Integrante.

  • 2011 - Atual

    Masculinidades em corpos femininos e suas vivências: um estudo sobre os atos performativos masculinos reproduzidos pelas mulheres nas cidades de Alagoinhas, Camaçari e Salvador, Descrição: Pretende-se identificar, compreender e comparar a masculinidade e o machismo vivenciado por mulheres que possuem corpos masculinizados nos municípios de Alagoinhas, Camaçari e Salvador. No campo teórico iremos dialogar com a teoria feminista e a teoria queer, investindo nos escritos de beel hooks(2004), Connell (1995) e Halberstam(1998) , e, sobretudo, lançar mão da articulação dos conceitos de ato performativo (Butler:1990) e de habitus (Bourdieu:1989) desenvolvido por Messeder (2008). Ainda, na linha teórica pretende-se investir na teoria radical do sexo, cuja preocupação de Gayle Rubin é buscar a positividade da sexualidade. Este diálogo permitirá a entrada de campo com um olhar e uma escuta disciplinada na desconstrução da coerência entre gênero, sexo e desejo, ao mesmo tempo, na identificação de que a masculinidade e o machismo não são atributos do homem. Destacam-se oito princípios norteadores deste projeto, primeiro, a busca do enlaçamento das categorias de raça/etnia, gênero/sexo, classe e sexualidade, mediante a história de vida dos nossos interlocutores. Segundo, a relação entre a formação das subjetividades e as relações identitárias. Terceiro, entender como ocorre a relação dessas mulheres com o corpo, e sobretudo, como ocorre os cuidados com o corpo, principalmente com a saúde sexual e reprodutiva. Esta questão nos reporta a possibilidade de que exista entre estas mulheres dificuldades em lidar com os aspectos biológicos do feminino em si próprias, daí saber a incidência das consultas aos e médicos. Quarto, a articulação entre o método quantitativo e qualitativo. Quinto, na composição da história de vida destas mulheres será dado um enfoque especial na trajetória escolar para entender como ocorre à exclusão dessas mulheres no ambiente escolar.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (3) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Suely Aldir Messeder - Coordenador / Amanaiara Conceicao de Santana Miranda - Integrante / Maria Nazaré Lima - Integrante / Graciela Neves Pellegrino Fernandez - Integrante / Elizete França - Integrante / Irênio Santos Nascimento Junior - Integrante / Ineildes Calheiro dos Santos - Integrante / Ivanildes Teixeira de Sena - Integrante.

  • 2010 - 2012

    Masculinidades e Turismo: um estudo sobre os atos performativos masculinos reproduzidos pelos microempresários da região, Descrição: O presente projeto de pesquisa intitulado Masculinidades e Turismo: um estudo sobre os atos performativos masculinos reproduzidos pelos microempresários da região metropolitana de Salvador vem sendo desenvolvido no período de set/2009 ? maio/2010 com a presença de três bolsistas de iniciação científica. O objetivo inicial era compreender e identificar os atos performativos masculinos dos varões microempresários. Cabe, destacar que os atos performativos são considerados nas três dimensões da vida humana: a relação de poder, a relação de trabalho e a relação de desejo. Os dados coletados e parcialmente analisados apontaram para a necessidade de se investir mais criticamente sobre os estudos das masculinidades, porque, apesar destas investigações desconstruírem a idéia da inquestionabilidade do homem e da heterossexualidade compulsória, ainda, conservam a genitália como referencial para a construção do universo de pesquisa, ou, se tratando de estudos quantitativos a amostra. O trabalho de campo nos trouxe os dados que revelam um número grande de mulheres como proprietárias de barraca de praia na orla de Camaçari, bem como trabalhadoras autônomas, ambas com baixa escolaridade. Desse modo, salienta-se a necessidade de criar novos interlocutores nesta investigação, as mulheres que reproduzem atos performativos masculinos, vale salientar que estas mulheres são masculinizadas a partir do seu corpo, e não meramente pelo papel social desempenhado por elas. A articulação entre os dados coletados e teoria nos têm permitido um diálogo profícuo para se criar novas dimensões para reconstrução deste projeto. Destacam-se seis princípios norteadores deste projeto, primeiro, a busca do enlaçamento das categorias de raça/etnia, gênero/sexo, classe e sexualidade, mediante a história de vida dos nossos interlocutores. Segundo, a articulação entre o método quantitativo e qualitativo. Terceiro, o diálogo interdisciplinar com as Ciências Contábeis e a Estatística. O quarto, proporcionar aos. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Suely Aldir Messeder - Coordenador / Sérgio Henrique Conceição - Integrante / Gilson Barbosa Dourado - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2010 - 2010

    Qualificando a Permanência de Estudantes Cotistas na UNEB‏, Descrição: O presente projeto tem como objetivo geral contribuir para a permanência qualificada no ensino superior, de estudantes que ingressam na Universidade do Estado da Bahia mediante o sistema de cotas raciais Insera-se na açoes articulada entre a Secretaria de Promoção da Igualdade do Estado da Bahia (SEPROMI) e a Universidade do Estado da Bahia (UNEB), através da Pró-Reitoria de Pesquisa e Ensino de Pós-Graduação. Possui quatro obejtivos especificos: 1 ? Inserir 30 (trinta)estudantes ingressados(as) pelo sistema de cotas raciais em um programa de fomento à produção científica..2 ? Construir, sob orientação de docentes-pesquisadores(as) da Universidade, projetos de pesquisas sobre a temáticaas seguintes temáticas: Hierarquias Raciais, Africanidades e Cultura Negra na Bahia ? levando em conta sua intersecção com as dimensões de gênero, sexualidade, geração e território, entre outras. .3 ? Contribuir para a ampliação e sistematização dos conhecimentos sobre o funcionamento das políticas de Promoção da Igualdade Racial e Ações Afirmativas bem como de temas correlatos relativos às populações negras na Bahia. 4 ? Incentivar a prática da investigação sistemática e a constituição e consolidação de Grupos de Pesquisa na UNEB com temas relativos às experiências de populações negras, de um modo geral. Relações e hierarquias raciais e de gênero. Nesta caso, especifico trata-se das experiencias das masculinidades vivenciadas por varões negros microempresários da cidade de Camaçari.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Suely Aldir Messeder - Coordenador / Patrícia de Oliveira Santos - Integrante / Cleide Silva de Sousa - Integrante.Financiador(es): SECRETARIA ESTADUAL DE PROMOÇAO DA IGUALDADE - Bolsa.

  • 2010 - Atual

    Mapeamento das Mulheres Cientistas no Estado da Bahia, Descrição: A pesquisa tem como objetivo identificar as mulheres baianas que atuam e/ou atuaram nas grandes áreas do conhecimento tais como: 1. Ciências Exatas e da Terra 2. Ciências Biológicas 3. Engenharias 4. Ciências da Saúde 5. Ciências Agrárias 6. Ciências Sociais Aplicadas 7. Ciências Humanas 8. Lingüística, Letras e Artes. A metodologia a ser empregada consiste na pesquisa em internet, considerando os órgãos e as fundações de pesquisa, nas visitas exploratórias aos grandes centros das universidades baianas. Pretende-se realizar a pesquisa exploratória em seis meses, além disso, a pesquisa traz como novidade a possibilidade da interatividade com o público que acessa o portal do Diadorim (Universidade do Estado da Bahia), uma vez que os/as visitantes são convidados/as a indicar os nomes destas mulheres, mediante o envio do nome e de uma breve biografia desta pesquisadora. A relevância desta pesquisa é promover a visibilidade das mulheres no ramo cientifico. Desnecessário dizer, que historicamente as mulheres foram proibidas a atuarem em espaços públicos. A produção do conhecimento e da tecnologia é um domínio ainda masculino, no entanto sabemos que houve mulheres que transgrediram tais espaços. Atualmente as mulheres têm atuado mais incisivamente nas Ciências e produzindo novos saberes, e, sobretudo, denunciando o androcentrismo que ainda paira no conhecimento científico. Este mapeamento pode parecer algo anacrônico, uma vez que foi a partir da década de 70 que as teóricas feministas começaram a difundir as ações das mulheres nos espaços públicos. Infelizmente na Bahia, isto, ainda não aconteceu de forma contundente, a exemplo, do ocorrido no ano de 2009, quando foi lançado no Museu de Ciência e Tecnologia (MC&T) da UNEB o evento intitulado Ciência com Dendê - dando inicio à Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT) - onde havia uma exposição de banners com representantes da ciência baiana, cujas figuras expostas eram apenas de homens, vale ressaltar que esta. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Suely Aldir Messeder - Coordenador / Martins, Marco - Integrante.Financiador(es): Universidade do Estado da Bahia - Proex - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2010

    Masculinidades, Turismo e o Terceiro Setor: um estudo sobre os atos performativos masculinos reproduzidos pelos microempresários e os membros dos movimentos sociais., Descrição: Este projeto tem como objetivo compreender e identificar os atos performativos masculinos quer seja dos microempresários que trabalham no segundo setor da economia baiana que lidam diretamente com as áreas potencialmente turísticas, quer seja dos membros coordenadores do terceiro setor. Cabe, destacar que os atos performativos são considerados nas três dimensões da vida humana: a relação de poder, a relação de trabalho e a relação de desejo. Esta investigação tem como princípio articular três áreas do conhecimento científico: Sociologia, Antropologia e Contabilidade. A interdisciplinaridade requerida nesta pesquisa foi iniciada a partir do trabalho de pesquisa realizado com as turmas do primeiro semestre na disciplina de Sociologia conjugada com a disciplina de Ciências Contábeis. Nesta pesquisa exploratória foram identificados quem são proprietários das barracas de praia, bem como quem são os membros das Organizações Não Governamentais, suas histórias de vida, bem como eles elaboram e usam a contabilidade para organizar e empregar os recursos financeiros. Aparentemente, as questões relacionadas aos Estudos Socioculturais estão dissociadas das questões vinculadas ao Curso de Ciências Contábeis. Neste sentido, esta pesquisa poderá consolidar e atender o dilema da modernidade demonstrada no trabalho de Durkheim sobre a Divisão Social do Trabalho, como formar trabalhadores especializados, sem desprezar a formação geral. Aqui, também se pretende ratificar e valorizar as disciplinas consideradas como apêndice nos cursos especializados. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Suely Aldir Messeder - Coordenador / Luana Paula Oliveira - Integrante / Patrícia de Oliveira Santos - Integrante / Cleide Silva de Sousa - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia - Bolsa / SECRETARIA ESTADUAL DE PROMOÇAO DA IGUALDADE - Bolsa.Número de orientações: 3

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Universidade do Estado da Bahia, Faculdade de Educação do Estado da Bahia. , Estradas das Barreiras, s/n, Narandiba, Cabula, 41195-001 - Salvador, BA - Brasil, Telefone: (71) 6345350, Fax: (71) 6345340, URL da Homepage:

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2011 - Atual

    Universidade do Estado da Bahia

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Adjunto, Regime: Dedicação exclusiva.

  • 2000 - Atual

    Universidade do Estado da Bahia

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor titular, Carga horária: 40

  • 1998 - 2000

    Universidade do Estado da Bahia

    Vínculo: Outro, Enquadramento Funcional: Professor titular, Carga horária: 40

    Atividades

    • 01/2012

      Pesquisa e desenvolvimento , Doutorado Multi-institucional Multidisciplinar em Difusão de Conhecimento, .,Linhas de pesquisa

    • 03/2011

      Ensino, Programa de Pós-Graduação em Crítica Cultural, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, Políticas da Subjetividade

    • 01/2011

      Pesquisa e desenvolvimento , Mestrado em Crítica Cultural - Pós-Crítica, .,Linhas de pesquisa

    • 12/2010

      Ensino, Doutorado Multi-institucional Multidisciplinar em, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, Processo de Construção do Conhecimento

    • 01/2010

      Pesquisa e desenvolvimento , Doutorado Multi-institucional Multidisciplinar em Difusão de Conhecimento, .,Linhas de pesquisa

    • 08/2009

      Pesquisa e desenvolvimento , Doutorado Multi-institucional Multidisciplinar em Difusão de Conhecimento, .,Linhas de pesquisa

    • 08/2003

      Pesquisa e desenvolvimento , Faculdade de Educação do Estado da Bahia, Campus XIX Camaçari.,Linhas de pesquisa

    • 10/2000

      Ensino, Ciências Contabéis, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, ANTROPOLOGIA, SOCIOLOGIA

    • 06/2000

      Ensino, Ciências Contabéis, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Sociologia, Antropologia

    • 08/2009 - 12/2011

      Direção e administração, NUGSEX -DIADORIM, .,Cargo ou função, Coordenadora de Órgão Suplementar.

    • 02/1999 - 10/2000

      Extensão universitária , Faculdade de Educação do Estado da Bahia, Campus XIII Itaberaba.,Atividade de extensão realizada, ORGANIZAÇÃO DA SEMANA DA CONSCIÊNCIA NEGRA.

    • 04/1998 - 07/2000

      Ensino, Pedagogia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, ANTROPOLOGIA, METODOLOGIA DE PESQUISA, SOCIOLOGIA DA EDUCAÇÃO

    • 05/2000 - 05/2000

      Ensino, Filosofia Estudos Culturais E Pesquisa, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, ESTUDOS CULTURAIS