Lidiane Alves dos Santos

Graduada em Ciências Biológicas pela Universidade Federal de Sergipe. Mestre em Biologia de Fungos e atualmente Doutoranda pelo programa de Pós-graduação do Departamento de Micologia da Universidade Federal de Pernambuco. Atua na área de taxonomia de Fungos Liquenizados.

Informações coletadas do Lattes em 03/07/2019

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Mestrado em andamento em Biologia de Fungos

2017 - Atual

Universidade Federal de Pernambuco
Orientador:Marcela Eugenia da Silva Caceres.Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.

Graduação em Ciências Biológicas

2012 - 2016

Universidade Federal de Sergipe

Ensino Médio (2º grau)

2009 - 2011

Colégio Estadual Lourival Fontes

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2016 - 2016

Expading Horizons. (Carga horária: 45h). , Fisk, Centro de Ensino, FISK, Brasil.

2015 - 2015

Aiming at the sky. (Carga horária: 45h). , Fisk, Centro de Ensino, FISK, Brasil.

2015 - 2015

Flying High. (Carga horária: 45h). , Fisk, Centro de Ensino, FISK, Brasil.

2014 - 2014

Técnicas de coleta, registro e manutenção de plantas e fungos em herbários. (Carga horária: 12h). , Universidade Federal da Bahia, UFBA, Brasil.

2014 - 2014

Spreading Wings. (Carga horária: 45h). , Fisk, Centro de Ensino, FISK, Brasil.

2014 - 2014

Breaking Free. (Carga horária: 45h). , Fisk, Centro de Ensino, FISK, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Pouco, Escreve Pouco.

Espanhol

Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.

Português

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

35ª Reunião Nordestina de Botânica. LIQUENS DO COSTÃO DE ITACOATIARA, SERRA DA TIRIRICA, RJ, BRASIL. 2017. (Congresso).

35ª Reunião Nordestina de Botânica. INVENTÁRIO DA FAMÍLIA LECANORACEAE NO HERBÁRIO ISE, SERGIPE: GÊNERO Lecanora ACH (LECANORACEAE, ASCOMYCOTA). 2017. (Congresso).

35ª Reunião Nordestina de Botânica. RIQUEZA E COMPOSIÇÃO DE LIQUENS COMO BIOINDICADORES DA QUALIDADE DA FLORESTA. 2017. (Congresso).

VIII Congresso Brasileiro de Micologia. MICOTA LIQUENIZADA PRESENTE EM TRECHO DE MATA CILIAR DO RIO VAZA BARRIS NO MUNICÍPIO DE PEDRA MOLE, SERGIPE. 2016. (Congresso).

VIII Congresso Brasileiro de Micologia. FUNGOS LIQUENIZADOS DE RESTINGA: UMA RIQUEZA DESCONHECIDA. 2016. (Congresso).

VIII Congresso Brasileiro de Micologia. ANÁLISE DOS EXERCÍCIOS DE FIXAÇÃO RELACIONADOS AO REINO FUNGI PRESENTE NO LIVRO DIDÁTICO DO ENSINO FUNDAMENTAL. 2016. (Congresso).

7º Encontro do Grupo Brasileiro de Liquenólogos.NOVOS E INTERESSANTES REGISTROS DE FUNGOS LIQUENIZADOS DA MATA RIO VERDE, AREIA BRANCA, NO ESTADO DE SERGIPE.. 2014. (Encontro).

7º Encontro do Grupo Brasileiro de Liquenólogos.LIQUENS SAXÍCOLAS DE QUIXADÁ, REGIÃO SEMIÁRIDA DO CEARÁ, BRASIL.. 2014. (Encontro).

III ENCONTRO PERNAMBUCANO DE MICOLOGIA: Oxente, há 60 anos aqui se faz micologia, visse?.YCOTA LIQUENIZADA EM FRAGMENTO DE MATA ATLÂNTICA NO ESTADO DE SERGIPE, BRASIL.. 2014. (Encontro).

XI Congreso Latinoamericano de Botánica LXV CONGRESSO NACIONAL DE BOTÂNICA XXXIV ERBOT - Encontro Regional de Botânicos - MG , BA , ES. FUNGOS LIQUENIZADOS DA CHAPADA DO APODI.. 2014. (Congresso).

XI Congreso Latinoamericano de Botánica LXV CONGRESSO NACIONAL DE BOTÂNICA XXXIV ERBOT - Encontro Regional de Botânicos - MG , BA , ES. MICOTA LIQUENIZADA DE UM ENCLAVE DE CAATINGA NO ESTADO DE SERGIPE.. 2014. (Congresso).

XI Congreso Latinoamericano de Botánica LXV CONGRESSO NACIONAL DE BOTÂNICA XXXIV ERBOT - Encontro Regional de Botânicos - MG , BA , ES. LEVANTAMENTO DOS FUNGOS LIQUENIZADOS DA REGIÃO DE QUIXADÁ, CE, BRASIL.. 2014. (Congresso).

XI Congreso Latinoamericano de Botánica LXV CONGRESSO NACIONAL DE BOTÂNICA XXXIV ERBOT - Encontro Regional de Botânicos - MG , BA , ES. LIQUENS CORTICÍCOLAS DA SERRA DE IBIAPABA, MUNICÍPIO DE TIANGUÁ, CEARÁ.. 2014. (Congresso).

XI Congreso Latinoamericano de Botánica LXV CONGRESSO NACIONAL DE BOTÂNICA XXXIV ERBOT - Encontro Regional de Botânicos - MG , BA , ES. PRESENÇA DE LIQUENS EM FRAGMENTO DE MATA ATLÂNTICA NO ESTADO DE SERGIPE.. 2014. (Congresso).

XI Congreso Latinoamericano de Botánica LXV CONGRESSO NACIONAL DE BOTÂNICA XXXIV ERBOT - Encontro Regional de Botânicos - MG , BA , ES. 2014. (Congresso).

7ª Reunião Brasileira de Estudos Liquenológicos. 2013. (Outra).

Estratégias Inovadoras no Ensino de Botânica, III Semana Científica de Ciências Biológicas em Itabaiana. 2013. (Outra).

FÓRUM LOCAL III SEMANA CIENTÍFICA DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS EM ITABAIANA ? SEBITA...FUNGOS LIQUENIZADOS DA FAZENDA CAFUZ, NA SERRA DE ITABAIANA, AREIA BRANCA, SERGIPE.. 2013. (Outra).

FÓRUM LOCAL III SEMANA CIENTÍFICA DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS EM ITABAIANA - SEBITA..Fungos Liquenizados (Ascomycota) Corticícolas da Serra de Ibiapaba, Município de Tinguá, Ceará.. 2013. (Outra).

FÓRUM LOCAL III SEMANA CIENTÍFICA DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS EM ITABAIANA - SEBITANA..RESULTADOS PRELIMINARES DA MICOTA LIQUENIZADA DE UM ENCLAVE DE CAATINGA NO ESTADO DE SERGIPE.. 2013. (Outra).

III Semana Científica de Ciências Biológicas em Itabaiana (III SEBITA). 2013. (Outra).

I SEMANA ACADÊMICO-CULTURAL DA UFS. 2013. (Outra).

I Semana Acadêmico-Cultural da UFS, Campus Alberto de Carvalho. 2013. (Outra).

I Simpósio de Biologia sem Fronteiras. 2013. (Simpósio).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Napoleão dos Santos Queiroz

FILHO, N. A. S.; PEDROSO, J. P. P.;QUEIROZ, N. S.. Processo de Elaboração e Implantação do Planejamento estratégico no Tribunal De Justiça de Sergipe 2010- 2014. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Administração) - Universidade Federal de Sergipe.

Liliadia da Silva Oliveira Barreto

VASCONCELOS. C. A.;BARRETO, Liliádia da Silva Oliveira; SILVA. J. G. da. Educação e Relações Raciais: Sensibilização da Comunidade Escolar. 2013. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Gestão de Políticas Públicas - GPP - GeR) - Centro de Educação Superior a distância - CESAD/ UFS.

José Gomes da Silva

SILVA, J. G.. Educação e relações raciais: sensibilização da comunidade escolar.. 2013. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Gestão de Políticas Públicas: Gênero e Raça) - Universidade Federal de Sergipe.

José Pedro Penteado Pedroso

SOUZA FILHO, N. A.;PEDROSO, J. P. P.; QUEIROZ, N. S.. Processo de elaboração e implantação do planejamento estratégico no tribunal de justiça de Sergipe 2010-2014. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Graduação em Administraçâo) - Universidade Federal de Sergipe.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • PEREIRA, THAMIRES ALMEIDA ; PASSOS, PAULA DE OLIVEIRA ; SANTOS, LIDIANE ALVES DOS ; LÜCKING, ROBERT ; CÁCERES, MARCELA EUGENIA DA SILVA . Going extinct before being discovered? New lichen fungi from a small fragment of the vanishing Atlantic Rainforest in Brazil. BIOTA NEOTROPICA (ONLINE. EDIÇÃO EM INGLÊS) , v. 18, p. p. e20170445, 2018.

  • CACERES, M. E. S. ; MOTA JÚNIOR, N. ; SANTOS, L. A. ; PEREIRA, T. A. ; APTROOT, A. . New records to Brazil and the Southern Hemisphere of corticolous and saxicolous lichens from the semiarid region in Ceará State.. IHERINGIA SERIE BOTANICA , v. 72, p. 239-245, 2017.

  • DA SILVA CÁCERES, MARCELA EUGENIA ; APTROOT, ANDRÉ ; DE OLIVEIRA MENDONÇA, CLÉVERTON ; SANTOS, LIDIANE ALVES DOS ; LÜCKING, ROBERT . , a further new genus of rain forest lichens in the family Malmideaceae (Ascomycota). BRYOLOGIST , v. 120, p. 202-211, 2017.

  • MOTA JÚNIOR, N. ; SANTOS, L. A. ; Jesus, L. M. S. . Educação Ambiental: concepções e práticas pedagógicas de professores do ensino fundamental da rede pública e privada em Itabaiana, Sergipe. REMEA-Revista Eletrônica do Mestrado em Educação Ambiental , v. Volume Esp, p. 213-236-236, 2017.

  • SANTOS, L. A. ; PEREIRA, T. A. ; FERREIRA, M. M. ; SANTANA, T. A. . PRÁTICAS ATUAIS DA PESQUISA EM ENSINO DE CIÊNCIAS E BIOLOGIA: uma analise preliminar dos anais da Semana da Biologia de Itabaiana/SE.. In: VI Encontro Regional de Ensino de Biologia no Nordeste, 2015, Vitória da Conquista -BA. ANAIS - ENCONTRO REGIONAL DE ENSINO DE BIOLOGIA - NORDESTE, 2015. v. 1.

  • MOTA JÚNIOR, N. ; SANTOS, L. A. ; Jesus, L. M. S. ; PEREIRA, T. A. ; SANTOS, E. A. ; SANTOS, E. J. ; SANTANA, T. A. . TRABALHANDO A EDUCAÇÃO AMBIENTAL NA SALA DE AULA: práticas ambientais utilizadas por professores da Educação Básica.. In: VI Encontro Regional de Ensino de Biologia no Nordeste, 2015, Vitória da Conquista -BA. ANAIS - ENCONTRO REGIONAL DE ENSINO DE BIOLOGIA - NORDESTE, 2015. v. 1.

  • SANTOS, L. A. ; MOTA JÚNIOR, N. ; PEREIRA, T. A. ; SANTOS, V. M. ; PASSOS, P. O. ; CACERES, M. E. S. . MICOTA LIQUENIZADA PRESENTE EM TRECHO DE MATA CILIAR DO RIO VAZA BARRIS NO MUNICÍPIO DE PEDRA MOLE, SERGIPE. In: VIII Congresso Brasileiro de Micologia, 2016, Florianópolis. Resumos VIII Congresso Brasileiro de Micologia, 2016. v. 1. p. 177-177.

  • PASSOS, P. O. ; PEREIRA, T. A. ; SANTOS, L. A. ; APTROOT, A. ; CACERES, M. E. S. . FUNGOS LIQUENIZADOS DA MATA DO CIPÓ, NO MUNICÍPIO DE SIRIRI, SERGIPE, BRASIL. In: VIII Congresso Brasileiro de Micologia, 2016, Florianópolis. Resumos VIII Congresso Brasileiro de Micologia, 2016. v. 1. p. 179-179.

  • PASSOS, P. O. ; SANTOS, L. A. ; APTROOT, A. ; LUCKING, R. ; CACERES, M. E. S. . REGISTRO DAS ESPÉCIES DE FISSURINA FÉE (OSTROPALES, GRAPHIDACEAE) NO ESTADO DE SERGIPE, BRASIL. In: VIII Congresso Brasileiro de Micologia, 2016, Florianópolis. Resumos VIII Congresso Brasileiro de Micologia, 2016. v. 1. p. 180-180.

  • CACERES, M. E. S. ; PEREIRA, T. A. ; SANTOS, L. A. ; PASSOS, P. O. ; APTROOT, A. ; LUCKING, R. . A FAMÍLIA GRAPHIDACEAE (ASCOMYCOTA LIQUENIZADOS) EM REMANESCENTE DE MATA ATLÂNTICA NO NORDESTE BRASILEIRO.. In: VIII Congresso Brasileiro de Micologia, 2016, Florianópolis. Resumos VIII Congresso Brasileiro de Micologia, 2016. v. 1. p. 181-181.

  • SANTOS, P. M. S. ; SANTOS, L. A. ; PEREIRA, T. A. ; SANTOS, V. M. ; CACERES, M. E. S. . INVENTÁRIO DA LIQUENOBIOTA DO ESTADO DE SERGIPE: FAMÍLIA GRAPHIDACEAE (OSTROPALES, ASCOMYCOTA. In: VIII Congresso Brasileiro de Micologia, 2016, Florianópolis. Resumos VIII Congresso Brasileiro de Micologia, 2016. v. 1. p. 184-184.

  • SANTOS, P. M. S. ; PEREIRA, T. A. ; SANTOS, L. A. ; LUCKING, R. ; CACERES, M. E. S. . O GÊNERO OCELLULARIA G. MEY. (OSTROPALES, GRAPHIDACEAE) NO ESTADO DE SERGIPE. In: VIII Congresso Brasileiro de Micologia, 2016, Florianópolis. Resumos VIII Congresso Brasileiro de Micologia, 2016. v. 1. p. 172-172.

  • SANTOS, V. M. ; SANTOS, L. A. ; PEREIRA, T. A. ; CACERES, M. E. S. . A RIQUEZA DE FUNGOS LIQUENIZADOS CROSTOSOS EM FRAGMENTO DE CAATINGA NO MUNICÍPIO DE MACAMBIRA, SERGIPE.. In: VIII Congresso Brasileiro de Micologia, 2016, Florianópolis. Resumos VIII Congresso Brasileiro de Micologia, 2016. v. 1. p. 174-174.

  • SANTOS, E. A. ; FERREIRA, M. M. ; PASSOS, P. O. ; SANTOS, L. A. ; PEREIRA, T. A. ; SANTOS, V. M. ; SANTANA, T. A. ; CACERES, M. E. S. . ANÁLISE DOS EXERCÍCIOS DE FIXAÇÃO RELACIONADOS AO REINO FUNGI PRESENTE NO LIVRO DIDÁTICO DO ENSINO FUNDAMENTAL.. In: VIII Congresso Brasileiro de Micologia, 2016, Florianópolis. Resumos VIII Congresso Brasileiro de Micologia, 2016. v. 1. p. 307-307.

  • SANTOS, L. A. ; PEREIRA, T. A. ; SANTOS, V. M. ; MOTA JÚNIOR, N. ; PASSOS, P. O. ; CACERES, M. E. S. . FUNGOS LIQUENIZADOS DE RESTINGA: UMA RIQUEZA DESCONHECIDA. In: VIII Congresso Brasileiro de Micologia,, 2016, Florianópolis. Resumos VIII Congresso Brasileiro de Micologia, 2016. v. 1. p. 176-176.

  • MOTA JÚNIOR, N. ; SANTOS, L. A. ; PEREIRA, T. A. ; SANTOS, E. J. ; CACERES, M. E. S. . Fungos liquenizados corticícolas crostosos (Ascomycota) em vegetação de Caatinga do município de Pedra Mole. In: Reunião Brasileira de Estudos Liquenológicos, 2015, São Franscisco do Sul. Livro de Resumos da Oitava Reunião Brasileira de Estudos Liquenológicos, 2015. v. 1. p. 6-6.

  • PEREIRA, T. A. ; SANTOS, V. M. ; SANTOS, L. A. ; MOTA JÚNIOR, N. ; CACERES, M. E. S. . Fungos liquenizados foliícolas (Ascomycota) da Serra da Guia, Poço Redondo, Sergipe.. In: 8ª Reunião Brasileira de Estudos Liquenológicos, 2015, São Francisco do Sul. Livro de Resumos da Oitava Reunião Brasileira de Estudos Liquenológicos., 2015. v. 1. p. 7-7.

  • MOTA JÚNIOR, N. ; SANTOS, L. A. ; PEREIRA, T. A. ; MENDONCA, C. O. ; APTROOT, A. ; LUCKING, R ; CACERES, M. E. S. . NOVOS E INTERESSANTES REGISTROS DE FUNGOS LIQUENIZADOS DA MATA RIO VERDE, AREIA BRANCA, NO ESTADO DE SERGIPE.. In: 7º Encontro do Grupo Brasileiro de Liquenólogos, 2014, Porto Alegre. Livro de Resumos do Sétimo Encontro do Grupo Brasileiro de Liquenólogos, 2014. v. I. p. 74-74.

  • SANTOS, L. A. ; APTROOT, A. ; PEREIRA, T. A. ; MOTA JÚNIOR, N. ; SANTOS, E. J. ; MENDONCA, C. O. ; CACERES, M. E. S. . LIQUENS SAXÍCOLAS DE QUIXADÁ, REGIÃO SEMIÁRIDA DO CEARÁ, BRASIL.. In: 7º Encontro do Grupo Brasileiro de Liquenólogos, 2014, Porto Alegre., 2014, Porto Alegre. Livro de Resumos do Sétimo Encontro do Grupo Brasileiro de Liquenólogos, 2014. v. I. p. 71-71.

  • SANTOS, L. A. ; MOTA JÚNIOR, N. ; MENDONCA, C. O. ; APTROOT, A. ; LUCKING, R. ; CACERES, M. E. S. . MYCOTA LIQUENIZADA EM FRAGMENTO DE MATA ATLÂNTICA NO ESTADO DE SERGIPE, BRASIL.. In: III ENCONTRO PERNAMBUCANO DE MICOLOGIA: Oxente, há 60 anos aqui se faz micologia, visse?, 2014, Recife. III Encontro Pernambucano de Micologia : Oxente, há 60 anos aqui se faz micologia, visse?. Recife: UFPE, 2014. p. 67-67.

  • MOTA JÚNIOR, N. ; MENDONCA, C. O. ; SANTOS, L. A. ; PEREIRA, T. A. ; GOES, D. T. ; SANTOS, V. M. ; CACERES, M. E. S. . MICOTA LIQUENIZADA DE UM ENCLAVE DE CAATINGA NO ESTADO DE SERGIPE.. In: XI Congreso Latinoamericano de Botánica LXV CONGRESSO NACIONAL DE BOTÂNICA XXXIV ERBOT - Encontro Regional de Botânicos - MG , BA , ES., 2014, Salvador. Botânica na America Latina: conhecimento, interação e difusão. LXV Congresso Nacional de Botânica [e] XXXIV ERBOT MG, BA, ES, 2014.

  • PEREIRA, T. A. ; SANTOS, L. A. ; MOTA JÚNIOR, N. ; MENDONCA, C. O. ; CACERES, M. E. S. . LIQUENS CORTICÍCOLAS DA SERRA DE IBIAPABA, MUNICÍPIO DE TIANGUÁ, CEARÁ.. In: XI Congreso Latinoamericano de Botánica LXV CONGRESSO NACIONAL DE BOTÂNICA XXXIV ERBOT - Encontro Regional de Botânicos - MG , BA , ES, 2014, Salvador - Bahia, 2014, Salvador. Botânica na America Latina: conhecimento, interação e difusão. LXV Congresso Nacional de Botânica [e] XXXIV ERBOT MG, BA, ES, 2014., 2014.

  • SANTOS, E. J. ; SANTOS, L. A. ; MOTA JÚNIOR, N. ; PEREIRA, T. A. ; CACERES, M. E. S. . FUNGOS: O QUE SABEMOS SOBRE ELES?. In: VIII & IX OFICINA DE CIÊNCIAS, MATEMÁTICA E EDUCAÇÃO AMBIENTAL (OCMEA), 2014, Itabaiana. ANAIS - RESUMOS VIII & IX OFICINA DE CIÊNCIAS, MATEMÁTICA E EDUCAÇÃO AMBIENTAL (OCMEA). Itabaiana: UFS, 2014. v. 1. p. 20-21.

  • PEREIRA, T. A. ; SANTOS, L. A. ; MOTA JÚNIOR, N. ; MENDONCA, C. O. ; CACERES, M. E. S. . FUNGOS LIQUENIZADOS (ASCOMYCOTA) CORTICÍCOLAS DA SERRA DE IBIAPABA, MUNICÍPIO DE TIANGUA, CEARÁ.. In: III SEBITA Semana Científica de Ciências Biológicas em Itabaiana, 2013, Itabaiana. III SEBITA Semana Científica de Ciências Biológicas em Itabaiana. São Cristovão: UFS, 2013. v. 1. p. 9-9.

  • SANTOS, L. A. ; PEREIRA, T. A. ; MOTA JÚNIOR, N. ; MENDONCA, C. O. ; CACERES, M. E. S. . FUNGOS LIQUENIZADOS DA FAZENDA CAFUZ, NA SERRA DE ITABAIANA, AREIA BRANCA, SERGIPE.. In: III SEBITA Semana Científica de Ciências Biológicas em Itabaiana., 2013, Itabaiana. III SEBITA Semana Científica de Ciências Biológicas em Itabaiana.. São Cristovão: UFS, 2013. v. 1. p. 14-14.

  • MOTA JÚNIOR, N. ; MENDONCA, C. O. ; SANTOS, L. A. ; PEREIRA, T. A. ; GOES, D. T. ; SANTOS, V. M. ; CACERES, M. E. S. . RESULTADOS PRELIMINARES DA MICOTA LIQUENIZADA DE UM ENCLAVE DE CAATINGA NO ESTADO DE SERGIPE.. In: III SEBITA Semana Científica de Ciências Biológicas em Itabaiana, 2013, Itabaiana. III SEBITA Semana Científica de Ciências Biológicas em Itabaiana. São Cristovão: UFS, 2013. v. 1. p. 12-12.

  • SANTOS, L. A. ; ANDRADE, D. S. ; MOTA JÚNIOR, N. ; PEREIRA, T. A. ; MENDONCA, C. O. ; CACERES, M. E. S. . S. ; MOTA JÚNIOR, N. ; PEREIRA, T. A. ; CACERES, M. E. S. . LIQUENS DA MATA DA FAZENDA CAFUZ, NA SERRA DE ITABAIANA, AREIA BRANCA, SERGIPE.. 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MOTA JÚNIOR, N. ; SANTOS, L. A. ; MENDONCA, C. O. ; APTROOT, A. ; LUCKING, R. ; CACERES, M. E. S. . NOVOS E INTERESSANTES REGISTROS DE FUNGOS LIQUENIZADOS DA MATA RIO VERDE, AREIA BRANCA, NO ESTADO DE SERGIPE.. 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • SANTOS, L. A. ; APTROOT, A. ; PEREIRA, T. A. ; MOTA JÚNIOR, N. ; SANTOS, E. J. ; MENDONCA, C. O. ; CACERES, M. E. S. . LIQUENS SAXÍCOLAS DE QUIXADÁ, REGIÃO SEMIÁRIDA DO CEARÁ, BRASIL. In: 7º Encontro do Grupo Brasileiro de Liquenólogos, 2014, Porto Alegre. LIQUENS SAXÍCOLAS DE QUIXADÁ, REGIÃO SEMIÁRIDA DO CEARÁ, BRASIL. 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2017 - Atual

    Lecanora (LECANORALES, LECANOROMYCETES) NO SEMI-ÁRIDO BRASILEIRO, Descrição: A família Lecanoraceae é uma das maiores famílias de fungos liquenizados, com atualmente 25 gêneros e, aproximadamente, 770 espécies (Jaklitsch et al., 2016). Grande parte da família é representada pelo gênero Lecanora, um grupo heterogêneo de liquens com talo crostoso a esquamoloso, crescendo sobre córtex vegetal e rochas com, aproximadamente, 600 espécies, mundialmente distribuídas (Lumbsch, 1994; Dickhäuser et al., 1995; Lumbsch et al.,1995, 1996, 1997; Lumbsch e Elix, 2004; Papong et al., 2011; Zhao, Xin et al., 2015). O gênero Lecanora foi descrito por Acharius em 1809 para acomodar espécies que apresentam ascósporos hialinos, simples, e com a margem do apotécio, geralmente, contendo células da alga, recebendo o nome de margem lecanorina (Lumbsch e Elix, 2004). Lecanora contém uma grande variedade de substâncias químicas secundárias (Elix et al., 1994, 1997; Elix e Lumbsch, 1996) e, portanto, é de interesse farmacêutico, apesar de que não existem estudos sobre este potencial. É considerado um grupo heterogêneo que contém caracteres morfológicos e anatômicos variáveis e, química complexa, com dados moleculares sugerindo que se trata de um grupo não-monofilético, avaliado por muitos autores como sendo um dos grupos de fungos liquenizados no qual a classificação requer a adoção de outros critérios taxonômicos, além dos caracteres morfológicos e químicos já empregados (Arup e Grube 1998, 2000; Grube et al., 2004; Lumbsch e Elix, 2004; Zhao, Xin et al., 2015). Com o emprego de técnicas moleculares, a classificação dos fungos liquenizados tem mudado drasticamente ao longo dos anos e a família Lecanoraceae é um exemplo dessas mudanças. Especificamente, o gênero Lecanora tem sido dividido em vários gêneros (Arup e Grube 1998, Zhao, Xin et al., 2015). >Objetivo Geral Revisar taxonomicamente o gênero Lecanora Ach. em áreas de Caatinga no Nordeste brasileiro, usando caracteres morfológicos e moleculares. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Lidiane Alves dos Santos - Integrante / Marcela Eugenia da Silva Cáceres - Coordenador.

  • 2015 - 2016

    Fungos liquenizados em Restinga, no município de Santo Amaro das Brotas, Sergipe, Brasil, Descrição: Os fungos liquenizados conseguem se desenvolver em uma enorme variedade de ambientes, bem como em diversos substratos (LOPEZ, 2006). Esses organismos representam uma simbiose entre uma alga e/ou cianobactéria com um fungo. Acredita-se que, nessa relação, o fungo se beneficia dos compostos fotossintéticos produzidos pela alga e, em contrapartida, o fotobionte recebe proteção do micélio fúngico contra a dessecação (NASH, 2008). A este processo de associação dá-se o nome de liquenização, ocorrendo em cerca de 20% de todos os fungos e quase metade do Filo Ascomycota. Alguns trabalhos sobre fungos liquenizados do litoral brasileiro foram publicados, porém apenas abrangendo as regiões Sul e Sudeste (BENATTI & MARCELLI 2007, MARTINS & MARCELLI 2007, MARCELLI & BENATTI 2008). A realização do presente projeto será fundamental para a complementação do conhecimento da diversidade destes fungos nas áreas de vegetação arbóreo-arbustiva do litoral do nordeste brasileiro, contribuindo assim para o incremento da coleção de criptógamos no herbário ASE da UFS, e para a consolidação do recém-criado Herbário ISE (UFS-Itabaiana). Como impacto esperado, vale salientar o desenvolvimento de estratégias de conservação das áreas naturais do estado e formação de recursos humanos nesta linha de pesquisa, a taxonomia de liquens. O aluno bolsista inserido neste projeto maior sobre a DIVERSIDADE, ECOGEOGRAFIA E EVOLUÇÃO DA LIQUENOBIOTA FOLIÍCOLA E CORTICÍCOLA DA MATA ATLÂNTICA BRASILEIRA irá contribuir com a realização de estudos sobre a diversidade liquênica nas áreas escolhidas, neste caso a mata às margens do Rio Pomonga, Santo Amaro das Brotas, Sergipe, a qual ainda não suficientemente investigada neste sentido. Para isto, o seu plano de trabalho inclui coleta, processamento e identificação de liquens, assim como documentação fotográfica de amostras, digitalização e inclusão das exsicatas no Herbário ISE (UFS/Itabaiana).. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Lidiane Alves dos Santos - Integrante / Thamires Almeida Pereira - Integrante / Marcela Eugenia da Silva Cáceres - Coordenador.

  • 2013 - 2014

    Liquens da Mata da Fazenda Cafuz na Serra de Itabaiana, Areia Branca, Sergipe, Descrição: Atualmente, em torno de 20% de todas as espécies de fungos conhecidas são encontradas na natureza simbioticamente associadas a algas ou cianobactérias (Nash 2008). O processo de associação entre esses simbiontes é denominado liquenização e a estrutura resultante recebe o nome de líquen ou fungo liquenizado, o qual é formado pelo fungo (micobionte) e por algas ou cianobactérias (fotobionte) (Nash 2008, Purvis 2010). Aproximadamente 46% das espécies conhecidas de fungos do Filo Ascomycota são liquenizados, sendo este considerado como o grupo de fungos com o maior número de espécies no Reino Fungi (Hawksworth 1995). Estes fungos colonizam uma grande variedade de substratos e são, em geral, componentes importantes nos processos de decomposição, devido á sua capacidade de degradar celulose e outros polímeros vegetais. Alguns trabalhos sobre Ascomycota liquenizados da região Norte e Nordeste foram publicados recentemente, mas ainda são poucas as áreas extensamente exploradas (CÁCERES 2007, CÁCERES et al. 2000, 2007, 2008a,b; LÜCKING & CÁCERES 2002, MENEZES et al. 2011). Além disso, poucos trabalhos tratam sobre os aspectos ecológicos (CÁCERES et al. 2008a,b), o que não facilita a realização de medidas e políticas públicas apropriadas para a conservação dos ambientes naturais onde estes fungos ocorrem. A realização do presente projeto será fundamental para a complementação do conhecimento da diversidade dos fungos Ascomycota nas áreas de vegetação arbóreo-arbustiva do nordeste brasileiro, contribuindo assim para o incremento da coleção de Criptógamos no herbário ASE da UFS, e para a consolidação do recém-criado Herbário ISE (UFS-Itabaiana). Como impacto esperado, vale salientar o desenvolvimento de estratégias de conservação das áreas naturais do estado e formação de recursos humanos nesta linha de pesquisa, a taxonomia de liquens. O aluno bolsista inserido neste projeto maior sobre a diversidade e variabilidade genética de liquens de Sergipe irá contribuir com a realização de estudos sobre a diversidade liquênica nas áreas escolhidas, neste caso a Mata da Fazenda Cafuz na Serra de Itabaiana, Areia Branca, Sergipe, ainda não suficientemente investigada neste sentido. Para isto, o seu plano de trabalho inclui coleta, processamento e identificação de liquens, asism como documentação fotográfica de amostras e inclusão das mesmas no Herbário ISE (UFS/Itabaiana):. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Lidiane Alves dos Santos - Integrante / Thamires Almeida Pereira - Integrante / Marcela Eugenia da Silva Cáceres - Coordenador.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2012 - 2016

    Universidade Federal de Sergipe

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Estagiária, Carga horária: 20

  • 2017 - Atual

    Universidade Federal de Pernambuco

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Mestranda, Regime: Dedicação exclusiva.

    Atividades

    • 03/2017

      Pesquisa e desenvolvimento , Centro de Ciências Biológicas, Departamento de Micologia.,Linhas de pesquisa