Marina de Barros Fonseca

Doutoranda em Antropologia Social pelo Museu Nacional/UFRJ. Mestra em Antropologia Social pela Universidade de Brasília, bacharela em Antropologia e licenciada em Ciências Sociais pela Universidade de Brasília. Trabalha com retomadas de terra e conflitos agrários. É integrante do Laboratório e Grupo de Estudos em Relações Interétnicas - LaGERI/UnB. Produz e apresenta o podcast Conversas da Kata, voltado para a divulgação do conhecimento antropológico.

Informações coletadas do Lattes em 05/03/2023

Acadêmico

Formação acadêmica

Doutorado em andamento em Antropologia Social

2021 - Atual

Universidade Federal do Rio de Janeiro
Orientador: João Pacheco de Oliveira
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.

Mestrado em Antropologia

2019 - 2021

Universidade de Brasília, UnB
Título: Retomando o que é nosso! Uma análise das retomadas de terra dos Terena de Buriti
, Ano de Obtenção: 2021.Stephen Grant Baines.Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil. Palavras-chave: Retomada de Terra; relações interétnicas.Grande área: Ciências HumanasGrande Área: Ciências Humanas / Área: Antropologia / Subárea: Etnologia Indígena.

Graduação em Ciências Sociais

2012 - 2017

Universidade de Brasília, UnB
Título: Resistência Terena: um estudo do impacto do agronegócio sobre a Terra Indígena Buriti, Mato Grosso do Sul
Orientador: Stephen Grant Baines

Formação complementar

2014 - 2015

Extensão universitária em Introdução Crítica ao Direito das Mulheres - Direito Achado na Rua. (Carga horária: 120h). , Universidade de Brasília, UnB, Brasil.

Idiomas

Bandeira representando o idioma Inglês

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Bandeira representando o idioma Espanhol

Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.

Bandeira representando o idioma Francês

Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Pouco, Escreve Pouco.

Áreas de atuação

Grande área: Ciências Humanas / Área: Antropologia.

Grande área: Ciências Humanas / Área: Antropologia / Subárea: Etnologia Indígena.

Organização de eventos

FONSECA, Marina B. . III Negras Antropologias. 2019. (Congresso).

FONSECA, Marina B. . VII Conversas da Kata. 2019. (Outro).

Participação em eventos

Seminários LAGERI.Rompendo as cercas, fazendo a retomada! Notas sobre as retomadas de terra dos Terena do Mato Grosso do Sul e a política de exportação de commodities. 2022. (Seminário).

I Novembro Negro do PPGCOM.Gira de Saberes com Coletivos de Estudantes Negros. 2021. (Seminário).

International Union of Anthropological and Ethnological Sciences Congress (IUAES). Diálogos entre Zora Hurston e Marlene Cunha, as articulações de estudantes negros de pós-graduação em antropologia. 2021. (Congresso).

VIII Conversas da Kata: Construindo Memórias e Vínculos a Distância.Conferência de Abertura. 2020. (Encontro).

43 Encontro da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais - ANPOCS.Retomada e Resistência. 2019. (Encontro).

XXXI Reunião Brasileira de Antropologia. 2018. (Congresso).

II Negras Antropologias.A quem serve sua antropologia? Diálogos de Campo entre povos marginalizado. 2017. (Seminário).

II Negras Antropologias.A quem serve sua antropologia? Diálogos de Campo entre povos marginalizado. 2017. (Seminário).

I Seminário Nacional América Latina Insurgente.Agronegócio e Retomadas Terenas. 2016. (Seminário).

I Encontro Regional de Estudantes de Ciências Sociais. 2013. (Encontro).

XXXII Encontro Nacional dos Estuantes de História. 2013. (Encontro).

Comissão julgadora das bancas

Henyo Trindade Barretto Filho

BAINES, Stephen Grant; AMADO, L. H. E.;BARRETTO FILHO, HENYO TRINDADE. Retomando o que é nosso! Uma análise das retomadas de terra dos Terena de Buriti. 2021. Dissertação (Mestrado em Antropologia) - Universidade de Brasília.

Stephen Grant Baines

BAINES, S. G.; AMADO, L. H. E.; BARRETTO, H. T.;SILVA, C. T.. Retomando o que é nosso! Uma análise das retomadas de terra dos Terena de Buriti. 2021. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em Antropologia Social) - Universidade de Brasília.

Cristhian Teófilo da Silva

BAINES, Stephen Grant; AMADO, L. H. E.; BARRETTO F, Henyo Trindade;TEÓFILO DA SILVA, Cristhian. Rompendo as cercas, retomando o que é nosso: as retomadas de terra dos Terena de Buriti. 2021. Dissertação (Mestrado em Antropologia) - Universidade de Brasília.

Cristhian Teófilo da Silva

BAINES, Stephen GrantSILVA, C. T.. Resistência Terena: Um estudo do impacto do agronegócio sobre a Terra Indígena Buriti, Mato Grosso do Sul. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Sociais) - Universidade de Brasília.

Luiz Henrique Eloy Amado

ELOY AMADO, LUIZ HENRIQUE; BAINES, S. G.; BARRETTO FILHO, H. T.. RETOMANDO O QUE É NOSSO! UMA ANÁLISE DAS RETOMADAS DE TERRA DOS TERENA DE BURITI. 2021. Dissertação (Mestrado em Antropologia) - Universidade de Brasília.

Foi orientado por

Stephen Grant Baines

Retomando o que é nosso! Uma análise das retomadas de terra dos Terena de Buriti; 2021; Dissertação (Mestrado em Pós Graduação Em Antropologia Social) - Fundação Universidade de Brasília,; Orientador: Stephen Grant Baines;

Stephen Grant Baines

Resistência Terena - um estudo do impacto do agronegócio sobre a Terra Indígena Buriti, Mato Grosso do Sul; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Graduação Em Antropologia Social) - Fundação Universidade de Brasília; Orientador: Stephen Grant Baines;

Produções bibliográficas

  • FONSECA, Marina B. . Rompendo as cercas, fazendo a retomada: sobre as relações entre as retomadas de terra dos Terena no Mato Grosso do Sul e política de exportação de commodities. ACENO - REVISTA DE ANTROPOLOGIA DO CENTRO-OESTE , v. 8, p. 113-128, 2022.

  • SOARES, L. B. ; FONSECA, Marina B. ; COSTA, Victor Amaral ; COSTA, Catarina Chaves . Fatores explicativos das demarcações de terras indígenas: uma revisão de literatura. REVISTA BRASILEIRA DE INFORMAÇÃO BIBLIOGRÁFICA EM CIÊNCIAS SOCIAIS - BIB , v. 96, p. 1-24, 2021.

  • FONSECA, Marina B. ; OLIVEIRA, A. C. ; NUNES, Bruner t. ; SAFATLE, Yazmin B. . Do subsolo para a podosfera - Conversasa da Kata. In: Manica, Daniela Tonelli; Peres, Milena; Fleischer, Soraya. (Org.). No ar: Antropologia - histórias em podcast. 1ed.Brasília: Pontes Editores/ABA publicações, 2022, v. 1, p. 55-70.

  • FONSECA, Marina B. . A resistência Terena frente ao avanço da fronteira agropecuária sobre a terra Indígena Buriti, Mato Grosso do Sul.. In: XXXII CONGRESO INTERNACIONAL ALAS PERÚ 2019, 2019, Lima. DESARROLLO TERRITORIAL, DESIGUALDADES Y DESCENTRALIZACIÓN. Lima: ALAS-ASOCIACIÓN LATINOAMERICANA DE SOCIOLOGÍA PERÚ, 2019. p. 862-875.

  • FONSECA, Marina B. . Retomada e resistência ? Uma análise das retomadas de terra realizadas pelo povo Terena na Terra Indígena Buriti, Mato Grosso do Sul. In: 43 Encontro Anual da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais, 2019, Caxambu. Anais do 43 Encontro Anual da ANPOCS, de 21 a 25 de outubro de 2019, 2019. v. 40.

  • FONSECA, Marina B. . Rompendo as cercas: notas sobre as retomadas de terra dos Terena de Buriti. 2022. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • FONSECA, Marina B. . Reconstructing epistemologies and constructing spaces ? Notes on black collectives in graduate school. 2022. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • FONSECA, Marina B. . Diálogos entre Zora Hurston e Marlene Cunha, as articulações de estudantes negros de pós-graduação em antropologia. 2021. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • FONSECA, Marina B. . Agronegócio, Conflito e Resistência: uma análise das retomadas de terra do povo Terena na Terra Indígena Buriti, Mato Grosso do Sul. 2019. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • FONSECA, Marina B. . Retomada e Resistência ? Uma análise das retomadas de terra realizadas pelo povo Terena na Terra Indígena Buriti, Mato Grosso do Sul. 2019. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • FONSECA, Marina B. . A gente também não confia em branco! Um negra em meio à etnologia indígena. 2019. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • FONSECA, Marina B. . A resistência Terena frente ao avanço da fronteira agropecuária sobre a Terra Indígena Buriti, Mato Grosso do Sul. 2019. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • FONSECA, Marina B. . A quem serve sua antropologia? Diálogos de Campo entre povos marginalizados. 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • FONSECA, Marina B. . ?Legislação Negra Periférica: de gangues a facções, de Thug Life a PCC, dos Estados Unidos ao Brasil. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • FONSECA, Marina B. . O Urbano em Conflito. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • FONSECA, Marina B. . Terenas e o Estado: espoliação, retomada e resistência. 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • FONSECA, Marina B. . Jornadas de trabalho de até 40 horas: O papel dos jovens e idosos no mercado de trabalho.. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

Outras produções

FONSECA, Marina B. . Conversas da Kata. 2019.

FONSECA, Marina B. . Podcasts e Antropologia: formas de produção, possibilidades de uso no ensino, pesquisa, extensão e divulgação científica. 2022. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

FONSECA, Marina B. . Danças, Rezas e Ação Direta - a resistência indígena nas manifestações de rua no Brasil. 2017. Fotografia.

Projetos de pesquisa

  • 2020 - Atual

    Política de reconhecimento territorial indígena no Brasil :atores, instituições e processos, Descrição: A presente pesquisa tem como objetivo compreender os fatores determinantes que levam ao reconhecimento estatal de terras indígenas brasileiras, buscando responder a duas perguntas: 1. Porque alguns grupos indígenas conseguem obter a demarcação de suas terras e outros não e; 2. Porque algumas demarcações são obtidas de forma mais rápida do que outras. Através de estudos de caso e técnicas quantitativas, estes fatores serão correlacionados com o quadro mais amplo de violações de direitos dos povos indígenas brasileiros, dando ensejo a uma compreensão mais profunda dos desafios enfrentados pelos mesmos para a manutenção de sua forma de vida no estado brasileiro.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (3) . , Integrantes: Marina de Barros Fonseca - Integrante / Leonardo Barros Soares - Coordenador.

  • 2016 - 2017

    O Avanço do Agronegócio sobre Comunidades Tradicionais: o caso Terena e Buriti, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Marina de Barros Fonseca - Coordenador / Stphen Grant Baines - Integrante.

  • 2013 - 2014

    ornadas de trabalho de até 40 horas: O papel dos jovens e idosos no mercado de trabalho, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Marina de Barros Fonseca - Coordenador / Sadi Dal Rosso - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

Histórico profissional

Experiência profissional

2021 - Atual

Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de Doutorado, Regime: Dedicação exclusiva.

2020 - 2021

Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de Mestrado, Regime: Dedicação exclusiva.

2019 - 2020

Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de Mestrado, Regime: Dedicação exclusiva.

2016 - 2017

Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de Iniciação Científica

2013 - 2014

Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de Iniciação Científica

2019 - 2019

Universidade de Brasília, UnB

Vínculo: Estágio Docente, Enquadramento Funcional: Estágio Docente, Carga horária: 4

Atividades

  • 02/2016

    Pesquisa e desenvolvimento, Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão.,Linhas de pesquisa

2017 - 2018

Secretaria de Educação do Distrito Federal

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professora Temporária, Carga horária: 40

2015 - 2017

Patri Políticas Públicas

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Estagiária, Carga horária: 30

Outras informações:
Atividades Desenvolvidas: Organizar e atualizar banco de dados na sistematização do ambiente virtual, leitura de Diário Oficial da União, organizar arquivos virtuais no sistema, auxiliar em pesquisas, levantamento e atualização de dados, produção de textos informativos e briefing.

2014 - 2015

Sec. Politicas de Promoção da Iguadade Racial

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Estagiária, Carga horária: 30