Eduardo Lorensi de Souza

Atualmente exerce o cargo de Coordenador Executivo da Pós-Graduação em Manejo Sustentável do Solo da Universidade Estadual do Rio Grande do Sul (UERGS). Professor Adjunto nos Cursos de Agronomia e de Gestão Ambiental da Universidade Estadual do Rio Grande do Sul (UERGS) na unidade em Três Passos/RS. É professor e orientador no Curso de Especialização em Segurança Alimentar e Agroecologia; no Curso de Especialização em Gestão e Sustentabilidade Ambiental e no Curso de Especialização em Manejo Sustentável do Solo. Possui graduação em Agronomia pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) (2006), Mestrado em Ciência do Solo pela UFSM (2009), licenciatura pelo Programa Especial de Graduação de Formação de Professores para Educação Profissional e Tecnológica da Universidade Federal de Santa Maria (2012), Doutorado em Ciência do Solo pela UFSM (2013) e Pós-doutorado no programa de Pós-graduação em Ciência do Solo (2013-2014). Trabalhou como Extensionista Rural de Nível Superior na empresa ASCAR-Emater-RS (2014). Tem experiência na área de agronomia, em ciência do solo, manejo e conservação do solo e da água, microbiologia e biologia do Solo, Agroecologia, emissões de gases de efeito estufa e mudanças climáticas, arroz irrigado, agricultura de baixo carbono; sistema de plantio direto; sucessão e rotação de culturas em sistemas forrageiros; biotransformações do C e N no solo, decomposição de resíduos culturais no solo e fixação biológica de nitrogênio, uso de adubos alternativos na agricultura.

Informações coletadas do Lattes em 22/06/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em Ciência do Solo

2009 - 2013

Universidade Federal de Santa Maria
Título: EMISSÃO DE ÓXIDO NITROSO E METANO EM ÁREA DE CULTIVO COM ARROZ IRRIGADO COM DIFERENTES MANEJOS DA PALHA PÓS-COLHEITA
SANDRO JOSÉ GIACOMINI. Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Palavras-chave: efeito estufa; entressafra; óxido nitroso; metano; manejo da palha; arroz irrigado.

Mestrado em Ciência do Solo

2007 - 2009

Universidade Federal de Santa Maria
Título: PRODUÇÃO DE MUDAS E CRESCIMENTO DE EUCALYPTUS GRANDIS HILLEX MAIDEN INOCULADO COM FUNGOS ECTOMICORRÍZICOS EM ÁREA ARENIZADA,Ano de Obtenção: 2009
ZAIDA INÊS ANTONIOLLI.Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.

Graduação em PEG - Formação de Professores

2010 - 2012

Universidade Federal de Santa Maria

Graduação em Agronomia

2001 - 2006

Universidade Federal de Santa Maria

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Pós-doutorado

2013

Pós-Doutorado. , Universidade Federal de Santa Maria, UFSM, Brasil. , Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. , Grande área: Ciências Agrárias, Ano de interrupção: 2014

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2020 - 2020

Moodle para professores e tutores. (Carga horária: 30h). , Universidade Estadual do Rio Grande do Sul, UERGS, Brasil.

2015 - 2015

Cadastro Ambiental Rural. (Carga horária: 16h). , Serviço Nacional de Aprendizagem Rural, SENAR/RS, Brasil.

2010 - 2011

Formação de professores para educação profissional. , Universidade Federal de Santa Maria, UFSM, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Bandeira representando o idioma Inglês

Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.

Bandeira representando o idioma Espanhol

Compreende Pouco, Lê Pouco.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia.

Grande área: Outros / Área: Ciências Ambientais / Subárea: Gestão ambiental.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

SOUZA, E. L. . IV Simpósio Regional de Gestão Ambiental e I Simpósio Regional de Agronomia. 2018. (Outro).

SOUZA, E. L. . III Simpósio Regional de Gestão Ambiental, I mostra de trabalhos Acadêmicos - Modalidade Pôster. 2017. (Outro).

SOUZA, E. L. . I Semana acadêmica Integrada de gestão ambiental e agronomia. 2015. (Outro).

SOUZA, E. L. . Mostra da Uergs na 13ª feicap. 2015. (Outro).

SOUZA, E. L. . X Agrofeira. 2015. (Exposição).

GUERRA, D. ; BOHRER, R. E. G. ; SOUZA, E. L. ; VASCONCELOS, M. C. . I Forum de Segurança Alimentar da Região Celeiro.. 2014. (Outro).

MARCHESAN, E. ; SARTORI ; SOUZA, E. L. ; FERREIRA, R. B. . VIII Dia de Campo - Utilização Intensiva e Sustentável de Áreas de Várzea. 2012. (Outro).

Antoniolli ; SOUZA, E. L. . 3º Curso Minhocultura. 2008. (Outro).

Antoniolli ; SOUZA, E. L. . Curso de Fungos Sinbióticos do Solo e Raízes-Micorrizas. 2006. (Outro).

SOUZA, E. L. . IX Mostra do CCR na 38ª Expofeira Agropecuária de Santa Maria. 2005. (Exposição).

SOUZA, E. L. . Feira das Profissões ? VI Edição. 2004. (Exposição).

SOUZA, E. L. . VIII Mostra do CCR na 37ª Expofeira Agropecuária de Santa Maria. 2004. (Exposição).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

II Seminário municipal de educação do campo.Agricultura Familiar. 2018. (Seminário).

Aula Inaugural do Curso Superior de Tecnologia em Agropecuária.Importância da biologia do solo nos sistemas de produção agropecuários. 2017. (Outra).

III Simpósio Regional de Gestão Ambiental, I mostra de trabalhos Acadêmicos - Modalidade Pôster. 2017. (Simpósio).

I Seminário municipal de educação do campo. 2017. (Seminário).

XI Agrofeira. 2017. (Feira).

6 Siepex: Salão integrado de pesquisa, ensino e extensão da Uergs, 2 Jornada de de Pós-Graduação da Uergs e 1 Seminário estadual sobre territorialidade - RS. 2016. (Outra).

I Congresso Internacional online de Agroecologia. 2016. (Congresso).

II Semana Acadêmica Integrada dos cursos de Gestão Ambiental e Agronomia. 2016. (Outra).

XI Reunião Sul Brasileira de Ciência do Solo. 2016. (Congresso).

4 Seminário da Agrobiodiversidade Crioula e 4 Seminário Regional dos Guardiões Mirins: ?Pecuaristas e agricultores familiares: um diálogo entre a criação de animais e as sementes crioulas?. 2015. (Seminário).

5 Siepex: Salão Integrado de Pesquisa, Ensino e Extensão da Uergs. 2015. (Outra).

Biodigestor: passado, presente e futuro. 2015. (Seminário).

Formação em agroecologia: "Afinal, o que é agroecologia? parte II - transição agroecológica.. 2015. (Seminário).

I Semana Acadêmica Integrada dos Cursos de Gestão Ambiental e Agronomia.Produção Agroecológica/SEMMA. 2015. (Outra).

I Semana Acadêmica Integrada dos Cursos de Gestão Ambiental e Agronomia.Amostragem, análise de solos e recomendação de adubação. 2015. (Outra).

I Semana Acadêmica Integrada dos Cursos de Gestão Ambiental e Agronomia. 2015. (Outra).

Situação atual e perpectivas da avicultura para a região sul do Brasil. 2015. (Seminário).

VII Congresso Brasileiro de Defensivos Naturais Agrícolas. 2015. (Congresso).

XXIII Seminário de Iniciação Científica, XX Jornada de Pesquisa, XVI Jornada de de Extensão, V Mostra de Iniciação Científica Júnior e V Seminário de Inovação e Tecnologia.Qualidade da água do Lajeado Erval Novo e a presença de coliformes. 2015. (Seminário).

4 Siepex: Salão Integrado de Pesquisa, Ensino e Extensão. Vacaria: do tropeirismo à fruticultura. 2014. (Congresso).

III CONGRESSO INTERNACIONAL DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL E IX SEMINÁRIO MUNICIPAL DO MEIO AMBMBIENTAL. AVALIAÇÃO DAS EMISSÕES DE ÓXIDO NITROSO NA ENTRESSAFRA DA CULTURA DO ARROZ NA REGIÃO SUL DO BRASIL. 2014. (Congresso).

VII Congresso Brasileiro de Arroz Irrigado. Fluxo de metano no período de entressafra e de cultivo do arroz irrigado sob diferentes sistemas de manejo da palha. 2011. (Congresso).

XXXIII Congresso Brasileiro de Ciência do Solo. Emissão de metano na cultura do arroz irrigado sob diferentes sistemas de manejo da palha aplicados no período de entressafra. 2011. (Congresso).

25a Jornada Acadêmica Integrada da UFSM.Emissão de óxido nitroso na entressafra da cultura do arroz num Planossolo sob diferentes manejos da palha. 2010. (Outra).

FERTBIO 2010. Emissão de óxido nitroso durante a entressafra da cultura do arroz irrigado influenciada por diferentes manejos após a colheita. 2010. (Congresso).

VIII Reunião Sul-Brasileira de Ciência do Solo.Emissão de metano na entressafra da cultura do arroz irrigado. 2010. (Outra).

EAD/UFSM - Capacitação de tutores. 2009. (Outra).

Seminário Pró-África - Agricultura Familiar: Brasil - Argélia - Moçambique. 2009. (Seminário).

Treinamento de uso da planilha eletrônica office excel e do aplicativo sisvar. 2009. (Outra).

Treinamento em: Operação do sistema de cromatografia gasosa GC-2014 Greenhouse; Software GC-Solution - marca Shimadzu. 2009. (Outra).

Workshop de nutrição e manejo da adubação em frutíferas temperadas. 2009. (Outra).

3o Curso de Minhocultura.Palestra sobre vermicompostagem. 2008. (Oficina).

FERTBIO 2008. Frações fosfatadas nas folhas de mudas de Eucalyptus grandis Hillex Maiden micorrizadas com Pisolithus microcarpus (UFSC Pt 116. 2008. (Congresso).

CURSO DE ANÁLISE MULTIVARIADA APLICADA A ECOLOGIA DO SOLO. 2007. (Outra).

Curso de Leitura em Língua Inglesa II. 2007. (Outra).

XXII Jornada Acadêmica Integrada.Acúmulo de fósforo nas folhas de Eucalyptus grandis Hillex Maiden micorrizadas com Pisolithus microcarpus (UFSC Pt 116). 2007. (Seminário).

XXXI Congresso Brasileiro de Ciência do Solo. Pisolithus microcarpus (UFSC Pt 116) inoculados em mudas de Eucalyptus grandis em diferentes substratos. 2007. (Congresso).

XXXI Congresso Brasileiro de Ciência do Solo. Mudas de Eucalyptus grandis Hillex Maiden com Pisolithus microcarpus (UFSC Pt 116) em solo sujeito a arenização. 2007. (Congresso).

CURSO DE FUNGOS SIMBIÓTICOS DO SOLO E RAÍZES - MICORRIZAS.CURSO DE FUNGOS SIMBIÓTICOS DO SOLO E RAÍZES - MICORRIZAS. 2006. (Oficina).

VI Reunião Sul-Brasileira de Ciência do Solo. 2006. (Outra).

XXI Reunião Brasileira de Manejo e Conservação do Solo e da Água. Comportamento de mudas de Eucalyptus grandis Hillex Maiden inoculadas com fungos ectomicorrízicos em solo sujeito a arenização em São Francisco de Assis - RS. 2006. (Congresso).

XX JORNADA ACADÊMICA INTEGRADA/UFSM.OCORRÊNCIA DE FUNGOS MICORRÍZICOS EM POVOAMENTO DE EUCALYPTUS GRANDIS EM SOLO SUJEITO A ARENIZAÇÃO. 2006. (Seminário).

38a Expofeira agropecuária de Santa Maria.Mostra do Centro de Ciências Rurais na Expofeira. 2005. (Outra).

FÓRUM DE ATUALIZAÇÃO EM FERTILIDADE DO SOLO SOB PLANTIO DIRETO ETAPA SANTA MARIA. 2005. (Seminário).

treinamento em Manejo da Cultura do Arroz Irrigado. 2005. (Oficina).

11ª Feira Estadual do Cooperativismo.Vermicompostagem. 2004. (Oficina).

Arroz irrigado: uso intensivo e sustentável de várzeas. 2004. (Seminário).

Curso "Agrotóxicos no manejo integrado". 2004. (Seminário).

Curso de Micorrizas. 2004. (Oficina).

Feira Estadual do Cooperativismo.Oficina sobre vermicompostagem. 2004. (Oficina).

FERTBIO 2004. Caracterização de fungos micorrízicos em povoamento de Eucalyptus grandis Hillex Maiden em solo arenoso de São Francisco de Assis. 2004. (Congresso).

II SEMINÁRIO "ARROZ IRRIGADO: USO INTENSIVO E SUSTENTÁVEL DE VÁRZEAS". 2004. (Seminário).

MOSTRA DO CENTRO DE CIÊNCIAS RURAIS-CCR/UFSM NA EXPOFEIRA.MOSTRA DO CENTRO DE CIÊNCIAS RURAIS-CCR/UFSM NA EXPOFEIRA. 2004. (Encontro).

Treinamento em manejo da cultura do arroz irrigado. 2004. (Seminário).

VI FEIRA DAS PROFISSÕES-CURSO DE AGRONOMIA.FEIRA DAS PROFISSÕES-VI EDIÇÃO. 2004. (Outra).

XIX JORNADA ACADÊMICA INTEGRADA/UFSM.EFEITO DO USO DE VERMICOMPOSTO EM MUDAS DE IPÊ AMARELO(TABEBUIA CHRYSOTRICHA MART) E LEUCENA (LEUCAENA LEUCOCEPHALA LAM. DE WIT) EM SOLO ARENOSO. 2004. (Seminário).

III SEMINÁRIO DE FORMAÇÃO EM AGROECOLOGIA. 2002. (Seminário).

OS TRANSGÊNICOS NA AGRICULTURA. 2002. (Seminário).

VX SEMANA ACADÊMICA DA AGRONOMIA. 2002. (Seminário).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

Aluno: Bruno Chaves

GIACOMINI, S. J.; WEILER, D. A.;SOUZA, E. L.. Carbono-13C de raízes e resíduos de parte aérea de culturas de verão em frações físicas da matéria orgânica de dois solos de várzea. 2017. Dissertação (Mestrado em Ciência do Solo) - Universidade Federal de Santa Maria.

Aluno: Mariana Ferneda Dossin

GIACOMINI, S. J.SOUZA, E. L.; PUJOL, S. B.. Dinâmica do carbono-13C de raízes e resíduos da parte aérea de culturas de verão e em dois solos de várzea. 2016. Dissertação (Mestrado em AGROBIOLOGIA) - Universidade Federal de Santa Maria.

Aluno: Juliana Gress Bortolini

GIACOMINI, S. J.SOUZA, E. L.; PUJOL, S. B.. RESPOSTA DE CULTIVARES DE ARROZ À INOCULAÇÃO DE BACTÉRIAS DIAZOTRÓFICAS. 2015. Dissertação (Mestrado em Ciência do Solo) - Universidade Federal de Santa Maria.

Aluno: Maiara Figueiredo Ramires

GIACOMINI, S. J.SOUZA, E. L.; VIEIRA, F. C. B.. EMISSÃO DE GASES DE EFEITO ESTUFA E POTENCIAL DE AQUECIMENTO GLOBAL EM SISTEMAS DE CULTURAS INTERCALARES AO TUNGUE (Aleurites fordii). 2014. Dissertação (Mestrado em Ciência do Solo) - Universidade Federal de Santa Maria.

Aluno: Ricardo Elso Leão

GIACOMINI, S. J.SOUZA, E. L.; SILVEIRA, C. A. P.. Estabilização do carbono de resíduos culturais no solo com o uso de xisto retortado. 2014. Dissertação (Mestrado em Ciência do Solo) - Universidade Federal de Santa Maria.

Aluno: Getúlio Elias Pilecco

GIACOMINI, S. J.SOUZA, E. L.; WEBER, M. A.. Emissão de óxido nitroso e acúmulo de nitrogênio na cultura do girassol sob diferentes fontes de adubação nitrogenada. 2013. Dissertação (Mestrado em Ciência do Solo) - Universidade Federal de Santa Maria.

Aluno: Rosangela Silva Gonçalves Nunes

GIACOMINI, S. J.; MILANESI, P. M.; VIDEIRA, S. S.;SOUZA, E. L.. ISOLAMENTO E INOCULAÇÃO DE BACTÉRIAS DIAZOTRÓFICAS EM CULTIVARES DE ARROZ IRRIGADO PRODUZIDAS NO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL. 2013. Dissertação (Mestrado em AGROBIOLOGIA) - Universidade Federal de Santa Maria.

Aluno: Qamar Sarfaraz

SILVA, L. S.;SOUZA, E. L.; VIONE, E. L. B.; MALLMANN, F. J. K.; BRUNETTO, G.. CARACTERIZAÇÃO DE BIOCARVÕES DERIVADOS DE DIFERENTES DEJETOS ANIMAIS E RESÍDUOS DAS CULTURAS E SEU USO EM CULTIVOS DE GRÃOS2018. 2019. Tese (Doutorado em Ciência do Solo) - Universidade Federal de Santa Maria.

Aluno: Patrick Leal Pinheiro

GIACOMINI, S. J.; CANTARELLA, H.; AITA, C.; SCHIRMANN, J.;SOUZA, E. L.. Interação entre remoção de palha e adubação nitrogenada sobre a volatilização de NH3 e emissão de N2O na cultura da cana-de-açúcar. 2018. Tese (Doutorado em Ciência do Solo) - Universidade Federal de Santa Maria.

Aluno: Daniela Batista dos Santos

AITA, C.;SOUZA, E. L.; MIOLLA, E.; GONZATTO, R.;GIACOMINI, S. J.. POTENCIAL DE AQUECIMENTO GLOBAL E ACÚMULO DE CARBONO NO SOLO AFETADO PELO MODO DE APLICAÇÃO DE DEJETOS SUÍNOS E PELO USO DE INIBIDOR DE NITRIFICAÇÃO. 2016. Tese (Doutorado em Ciência do Solo) - Universidade Federal de Santa Maria.

Aluno: DANNI MAISA DA SILVA

ANTONIOLLI, Z. I.;SOUZA, E. L.; SILVA, R. F.; PUJOL, S. B.. COMPOSIÇÃO E ATIVIDADE DOS ORGANISMOS DO SOLO EM ÁREAS DE PASTAGENS SOB APLICAÇÃO SUCESSIVA DE DEJETOS DE SUÍNOS. 2015. Tese (Doutorado em Programa de Pós-graduação em Ciência do Solo) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

Aluno: Daniel Pazzini Eckhadt

ANTONIOLLI, Z. I.;SOUZA, E. L.; STEFFEN, G. P. K.; SCHIRMER, Guilherme Karsten; JACQUES, R. J. S.. Produção agroecológica de alface, cenoura e mudas de eucalipto. 2015. Tese (Doutorado em Ciência do Solo) - Universidade Federal de Santa Maria.

Aluno: Alexandre Doneda

AITA, C.;GIACOMINI, S. J.; VIEIRA, F. C. B.; NICOLOSO, R. S.; PUJOL, S. B.;SOUZA, E. L.. A acidificação de dejetos líquidos de suínos afeta as emissões de amônia e gases de efeito estufa no processo de compostagem automatizada. 2014. Tese (Doutorado em Ciência do Solo) - Universidade Federal de Santa Maria.

Aluno: Ezequiel Cesar Carvalho Miola

AITA, C.;GIACOMINI, S. J.; PUJOL, S. B.; NICOLOSO, R. S.; VIEIRA, F. C. B.;SOUZA, E. L.. Estratégias para reduzir as emissões gasosas e melhorar o aproveitamento do nitrogênio de dejetos de suínos pelo milho em plantio direto. 2014. Tese (Doutorado em Ciência do Solo) - Universidade Federal de Santa Maria.

Aluno: André Carlos Cruz Copetti

SILVA, L. S.; SOUSA, R. O.; AITA, C.;GIACOMINI, S. J.; ROBERTI, D. R.;SOUZA, E. L.. EMISSÃO DE ÓXIDO NITROSO, DIÓXIDO DE CARBONO E METANO EM AMBIENTES ALAGADOS E AS ALTERAÇÕES ELETROQUÍMICAS DA SOLUÇÃO DO SOLO. 2014. Tese (Doutorado em Ciência do Solo) - Universidade Federal de Santa Maria.

Aluno: Lethícia Rosa Net

CARLESSO, R.; PETRY, M. T.;GIACOMINI, S. J.SOUZA, E. L.; MICHELON, C. J.. BALANÇO HÍDRICO DA CAMADA SUPERFICIAL DE UM SOLO CULTIVADO COM TRIGO E SOJA SOB DIFERENTES NÍVEIS DE RESÍDUOS CULTURAIS. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Ciência do Solo) - Universidade Federal de Santa Maria.

Aluno: Mariana Ferneda Dossin

ANTONIOLLI, Z. I.; ECKHARDT, D. P.;SOUZA, E. L.; SCHIEDECK, G.; JACQUES, R. J. S.. Potencial químico dos resíduos orgânicos na supressão de Pratylenchus brachyurus. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Ciência do Solo) - Universidade Federal de Santa Maria.

Aluno: Daniela Batista dos Santos

AITA, C.;GIACOMINI, S. J.SOUZA, E. L.; AMADO, T. J. C.; BAYER, C.. Potencial de aquecimento global e variação nos estoques de carbono e nitrogênio no solo afetados pelo modo de aplicação de dejetos de suínos e pelo uso de inibidor de nitrificação. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Ciência do Solo) - Universidade Federal de Santa Maria.

Aluno: Carlos Henrique Langner

BOHRER, R. E. G.; LARA, D. M.;SOUZA, E. L.; BISOGNIN, R. P.. Avaliação da disposição irregular de resíduos sólidos no município de Santo Augusto - RS. 2017. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em gestão e sustentabilidade ambiental) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

Aluno: Ethier Lauermann

SOUZA, E. L.. Estudo de viabilidade do uso de concreto com adição de borracha para passeios públicos em município do noroeste do Rio Grande do Sul. 2017. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em gestão e sustentabilidade ambiental) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

Aluno: Lisiane Dorr Rocha

SOUZA, E. L.. Utilização de composto orgânico e chorume para a produção de repolhos e tomates em uma escola do campo no município de Três Passos - RS. 2017. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em gestão e sustentabilidade ambiental) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

Aluno: Pedro Carvalho de Mendonça

SOUZA, E. L.. Avaliação da qualidade das águas em poços destinados ao abastecimento público no noroeste do Rio Grande do Sul. 2017. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em gestão e sustentabilidade ambiental) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

Aluno: Francine Maria Busanello

SOUZA, E. L.. Impactos Ambientais Gerados pela Atividade de Bovinocultura Leiteira em um município da Região Noroeste do Rio Grande do Sul. 2017. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em gestão e sustentabilidade ambiental) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

Aluno: Milton Zart

SOUZA, E. L.; LANZANOVA, M. E.. Produtividade de beterraba em diferentes densidades de plantio em sistema orgânico no Município de Três Passos - RS. 2016. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização- Segurança Alimentar e Agroecologia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

Aluno: JARBAS DE LIMA AULER

SOUZA, E. L.; CLASEN, B. E.. Agricultura familiar e o consumo de agrotóxicos no Município de Crisssiumal - RS. 2016. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização- Segurança Alimentar e Agroecologia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

Aluno: Rosana Maria Kroetz

SOUZA, E. L.; LANZANOVA, M. E.. Estudo de caso: aproveitamento da água da chuva em escola de Crisssiumal - RS. 2016. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização- Segurança Alimentar e Agroecologia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

Aluno: Rodrigo Ezequiel Nagel

DRESCHER, M. S.;SOUZA, E. L.. CONSÓRCIO EM PASTAGENS COMO ESTRATÉGIA DE RESTAURAÇÃO DA QUALIDADE QUÍMICA DO SOLO E GERAÇÃO DE RENDA NA BOVINOCULTURA LEITEIRA. 2014. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização- Segurança Alimentar e Agroecologia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

Aluno: Ana Carolina Machado

GUEDES, A. A. M.;SOUZA, E. L.; SIPPERT, L.. Produtos agroecológicos e orgânicos: Leituras e percepções sociais em Campo Novo. 2014. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização- Segurança Alimentar e Agroecologia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

Aluno: Anderson Leandro Scheneider

GROFF, P. V. V.;SOUZA, E. L.; LAU, A. H.. Análise da funcionalidade do PRONAF agroecologia aplicado em uma pequena propriedade na Região Noroeste do estado do Rio Grande do Sul. 2014. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização- Segurança Alimentar e Agroecologia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

Aluno: DIEGO ARMANDO AMARO DA SILVA

LANZANOVA, M. E.;SOUZA, E. L.; VASCONCELOS, M. C.. Mata nativa como parâmetro na avaliação de qualidade do solo em pastagens com uso sucessivo de dejeto líquido de suínos. 2014. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização- Segurança Alimentar e Agroecologia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

Aluno: Rudinei giradello

SILVA, D. M.;SOUZA, E. L.; LANZANOVA, M. E.. Plantio direto de alface sobre diferentes adubações de inverno. 2014. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização- Segurança Alimentar e Agroecologia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

Aluno: Suelen Ruppel Seibt

BOHRER, R. E. G.;SOUZA, E. L.; BECKER, C.. Diagnóstico da transição da agricultura convencional para agroecolológica na produção de repolho em uma propriedade rural familiar. 2014. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização- Segurança Alimentar e Agroecologia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

Aluno: Hardi Germano Weirich

LANZANOVA, M. E.;SOUZA, E. L.; SCHMITZ, J. A. K.. Transição de sistema de cultivo de pepino convencional para sistema agroecológico. 2014. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização- Segurança Alimentar e Agroecologia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

Aluno: Aline Rosane da Silveira de Moura

SOUZA, EDUARDO LORENSI. AVALIAÇÃO DA TOXICIDADE DO BIOCOMPOSTO ORIUNDO DE SISTEMA DE COMPOSTAGEM DE EFLUENTES SUÍNOS CONTAMINADO COM MEDICAMENTOS DE USO VETERINÁRIO. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

Aluno: Maiqueli Patricia Ehrembrink

SOUZA, EDUARDO LORENSI DE. HORTA É SAÚDE: PLANTAR E COLHER ALIMENTOS É O MELHOR REMÉDIO PARA VIVER BEM. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

Aluno: Humberto Othmar Chaise Schroder

SOUZA, EDUARDO LORENSI DE. POLÍTICAS AGRÍCOLAS DO BRASIL, ESTADOS UNIDOS E UNIÃO EUROPÉIA, UM PONTO DE CONVERGÊNCIA. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

Aluno: ALISSON JONAS PRETTO

SOUZA, EDUARDO LORENSI DE. UTILIZAÇÃO DE PÓ DE ROCHA EM SUBSTITUIÇÃO À ADUBAÇÃO MINERAL TRADICIONAL NA CULTURA DA SOJA. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

Aluno: Ângelo Munaretto Krynski

SOUZA, EDUARDO LORENSI DE. DESEMPENHO DE VARIEDADES CRIOULAS DE FEIJÃO COM FERTILIZANTE ORGÂNICO DE ABATEDOURO DE SUÍNOS. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

Aluno: Marco Antonio de Oliveira

SOUZA, E. L.. Análise e descrição de parâmetros quantitativos da meso e macro fauna edáfica encontrada em cultura de milho sob diferentes formas de adubação. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

Aluno: Maria Helena Steffen

SOUZA, E. L.. Uso e ocupação de nascentes no perímetro urbano de Três Passos/RS. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Gestão Ambiental) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

Aluno: Maiara Luisa Schimitz

SOUZA, E. L.. Zoneamento das nascentes da área urbana do Município de Três Passos. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Gestão Ambiental) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

Aluno: Fernanda Schmitt

SOUZA, E. L.. Diagnóstico de gestão de resíduos de uma empresa de confecção de vestuário do município de Três Passos - RS. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Gestão Ambiental) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

Aluno: Adriani Pozzato

SOUZA, E. L.. Passivos ambientais dos resíduos da construção civil no município de Três Passos-RS. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Gestão Ambiental) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

Aluno: Patrick Gustavo Duncke

SOUZA, E. L.. Avaliação da produtividade de milho (Zea mays L.) para produção de silagem adubado com diferentes doses de dejeto líquido de suíno em comparação à adubação química. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

Aluno: Evandro Luiz Linck

SOUZA, E. L.. Melhorias no tratamento de efluentes de uma lavanderia de pequeno porte com vistas ao reúso da água. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Gestão Ambiental) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

Aluno: Natane Thaís Simon

SOUZA, E. L.. Eficiência de plantas de cobertura no processo de descompactação do solo e ciclagem de nutrientes. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

Aluno: Maiqueli Patricia Ehrembrink

SOUZA, E. L.. Horta comunitária: sustentabilidade e segurança alimentar. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

Aluno: Luma Schervenski Tejada

SOUZA, E. L.. Avaliação de impacto ambiental em nascente do lajeado Erval Novo. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

Aluno: Fernanda Schmitt

SOUZA, E. L.. Proposição de um plano de gestão de resíduos têxteis para uma empresa de vestuário do Município de Três Passos-RS. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Gestão Ambiental) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

Aluno: Maria Helena Steffen

SOUZA, E. L.. Áreas de preservação permanente de manaciais no perímetro urbano de Três Passos/RS e suas implicações no uso e ocupação do solo. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Gestão Ambiental) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

Aluno: Bruno Rafael da Silva

BOHRER, R. E. G.; GUERRA, D.;SOUZA, E. L.; SILVA, D. M.. Avaliação ambiental dos principais lajeados e nascentes da sub-bacia do lajeado Erval Novo. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Tecnologia em Gestão Ambiental) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

Aluno: Diego Rafeel Nunes

GUERRA, D.; LANZANOVA, M. E.;SOUZA, E. L.; BOHRER, R. E. G.. Logística reversa na cooperativa tritícola mista Campo Novo. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Tecnologia em Gestão Ambiental) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

Aluno: Luís Emilio Pozzebon Venturini

DUTRA, L. M. C.;SOUZA, E. L.; MATTIONI, N. M.. Avaliação da resposta de três diferentes fertilizantes foliares em quatro cultivares de soja (Glycine max L.). 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Federal de Santa Maria.

Aluno: Marlisete Scherner

GUERRA, D.;SOUZA, E. L.; BISOGNIN, R. P.. CAR - Cadastro ambiental rural no município de Tiradentes do Sul. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Gestão Ambiental) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

Aluno: Lara Francieli Vieira

BISOGNIN, R. P.;SOUZA, E. L.; WEBER, F. H.. Diagnóstico da situação atual do Bosque Villa Real em Três Passos ? RS e sua funcionalidade sócio ambiental como área verde. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Gestão Ambiental) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

Aluno: José Antônio Corrêa Saldanha

GIACOMINI, S. J.SOUZA, E. L.; RAMIRES, M. F.. Relatório de estágio curricular supervisionado em agronomia. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Federal de Santa Maria.

Aluno: Gerson Laerson Drescher

SOUZA, E. L.; MIOLLA, E.. Variação diária na emissão de óxido nitroso em solo de várzea. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Federal de Santa Maria.

Aluno: Ailson José Padoin Júnior

GIACOMINI, S. J.SOUZA, E. L.; ROSALINO, P. K.. Emissão de metano e óxido nitroso durante o ciclo da soja em solo de várzea em sucessão com arroz irrigado. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Federal de Santa Maria.

Aluno: Arthur Ligório Guerra

JACQUES, R. J. S.;SOUZA, E. L.. Transformações físico-químicas em solos alagados. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Federal de Santa Maria.

Aluno: Isaias Binotto

GIACOMINI, S. J.SOUZA, E. L.DONEDA, A.. Acompanhamento das atividades desenvolvidas no Departamento Técnico da Cooperativa Agrícola Mista Nova Palma Ltda. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Federal de Santa Maria.

Aluno: Getúlio Elias Pilecco

GIACOMINI, S. J.SOUZA, E. L.; WEILER, D. A.. Avaliação dos fluxos de gases de efeito estufa em áreas cultivadas com cana-de-açúcar e arroz irrigado. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Federal de Santa Maria.

Aluno: Douglas Adams Weiler

GIACOMINI, S. J.SOUZASOUZA, E. L.; PUJOL, S. B.. Mineralização do Carbono e do Nitrogênio do lodo de esgoto e de palha de aveia aplicados em superfície e incorporados ao solo. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Federal de Santa Maria.

Aluno: Mateus Padoin Pontelli

ANTONIOLLI, Z. I.;SOUZA, E. L.; PUJOL, S. B.; SCHIRMER, Guilherme Karsten. Manejo das culturas de trigo e milho na região central do Estado do Rio Grande do Sul. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Federal de Santa Maria.

SOUZA, E. L.. Membro Comissão Técnica Científica do III Simpósio Regional de Gestão Ambiental, I mostra de trabalhos Acadêmicos - Modalidade Pôster. 2017.

SOUZA, E. L.. Banca de Seleção para o Curso de Especialização em Gestão e Sustentabilidade Ambiental. 2016. Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

SOUZA, E. L.; BISOGNIN, R. P.. Diagnóstico e Implementação de Boas Práticas de Fabricação na Escola Municipal de Ensino Fundamental Carlos Gomes na cidade de Cruz Alta/RS. 2014. Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

SOUZA, E. L.; BISOGNIN, R. P.. Aspectos Fluviológicos do Arroio Velhaco. 2014. Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

SOUZA, E. L.; BISOGNIN, R. P.. Produção de alimentos na Escola Indígena de Tenente Portela: uma preocupação com a soberania alimentar das famílias.. 2014. Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

SOUZA, E. L.; BISOGNIN, R. P.. Etnoecologia e etnozoologia em Tapes ? Rio Grande do Sul ? Brasil: um estudo sobre a valorização da fauna silvestre: um estudo sobre a valorização da fauna silvestre. 2014. Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

SOUZA, E. L.; BISOGNIN, R. P.. Difusão do conhecimento da qualidade da água das nascentes do Rio Erval Novo para os agricultores familiares de Três Passos. 2014. Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

SOUZA, E. L.; BISOGNIN, R. P.. Comercialização de produtos hortifrutigranjeiros da Feira Livre Municipal de Cachoeira do Sul. 2014. Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

ZAIDA INES ANTONIOLLI

ANTONIOLLI, Z. I.JACQUES, Rodrigo Josemar SeminotiSILVA, Rodrigo Ferreira da; GIACOMINI, Sandro José. Influência de isolados de fungos micorrizicos e fósforo no crescimento de Eucalyptus grandis Hill ex. maiden. 2009. Dissertação (Mestrado em Ciência do Solo) - Universidade Federal de Santa Maria.

Leandro Souza da Silva

GIACOMINI, Sandro José;Marchesan, EnioAmado, Telmo Jorge Carneiro; AITA, Celso;Silva, Leandro Souza da. Emissão de óxido nitroso e metano em áreas de cultivo com arroz irrigado sob diferentes manejos da palha pós-colheita. 2013. Tese (Doutorado em Ciência do Solo) - Universidade Federal de Santa Maria.

SANDRO JOSÉ GIACOMINI

GIACOMINI, S. J.AITA, C.; AMADAO, T. J. C.; VIEIRA, F. C. B.; SILVA, L. S. da. Emissão de gases de efeito estufa e produtividade da cultura do arroz irrigado sob diferentes sistemas de manejo da palha. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Ciência do Solo) - Universidade Federal de Santa Maria.

Rodrigo Ferreira da Silva

ANTONIOLLI, Z. I.SILVA, R. F.; JACQUES, R. J. S.. INFLUÊNCIA DE ISOLADOS DE FUNGOS MICORRÍZICOS E FÓSFORO NO CRESCIMENTO DE EUCALYPTUS GRANDIS HILLEX MAIDEN. 2009.

Telmo Jorge Carneiro Amado

GIACOMINI, S. J.; MARCHESAN, E.; Silva, L. S.;AITA, CelsoAmado, T J C. Emissão de gases de efeito estufa na cultura do arroz irrigado sob diferentes sistemas de manejo da palha pós-colheita. 2013. Tese (Doutorado em Ciência do Solo) - Universidade Federal de Santa Maria.

Telmo Jorge Carneiro Amado

GIACOMINI, S. J.;AITA, CelsoAmado, T J C; VIEIRA, F. C. B.; Silva, L. S.. Emissão de gases de efeito estufa e produtividade da cultura do arroz irrigado sob diferentes sistemas de manejo da palha.. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Ciência do Solo) - Universidade Federal de Santa Maria.

Celso Aita

GIACOMINI, S. J.AITA, C.CERETTA, Carlos AlbertoBAYER, C.VIEIRA, F. C. B.. Emissão de CH4 e N2O na cultura do arroz irrigado sob diferentes sistemas de manejo da palha pós-colheita. 2013. Tese (Doutorado em Ciência do Solo) - Universidade Federal de Santa Maria.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Orientou

Jeniffer Bortolini Schmeling

AVALIAÇÃO DA INOCULAÇÃO COM Azospirillum brasilense NA CULTURA DO MILHO EM SISTEMA DE PLANTIO DIRETO NO SUL DO BRASIL; Início: 2020; Iniciação científica (Graduando em Agronomia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul; (Orientador);

GUSTAVO DA SILVA PRESTES

AVALIAÇÃO DE FUNGICIDAS BIOLÓGICOS PARA O CONTROLE DE FERRUGEM ASIÁTICA (PHAKOPSORA PACHYRHIZI) EM SOJA NO SUL DO BRASIL; Início: 2020; Iniciação científica (Graduando em Agronomia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul, Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; (Orientador);

Matheus Rocha

AVALIAÇÃO DE FUNGICIDAS BIOLÓGICOS PARA O CONTROLE DE FERRUGEM ASIÁTICA (PHAKOPSORA PACHYRHIZI) EM SOJA NO SUL DO BRASIL; Início: 2019; Iniciação científica (Graduando em Agronomia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; (Orientador);

Gian Francisco Barcellos Bester

AVALIAÇÃO DA INOCULAÇÃO COM AZOSPIRILLUM BRASILENSE NA CULTURA DO MILHO EM SISTEMA DE PLANTIO DIRETO NO SUL DO BRASIL; Início: 2019; Iniciação científica (Graduando em Agronomia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul, Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; (Orientador);

Ketelyn Eduarda Schmidt

Monitor da disciplina de Estatística e experimentação agrícola; Início: 2019; Orientação de outra natureza; Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; (Orientador);

Eldio Venturini Baldoni

Monitor da disciplina de Abordagem sistêmica da agricultura; Início: 2019; Orientação de outra natureza; Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; (Orientador);

João Dias Eugênio Larssen

Monitor da disciplina de Introdução à ciência do solo; Início: 2019; Orientação de outra natureza; Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; (Orientador);

Eliana Aparecida Cadoná

Uso de dejetos líquidos de suínos e contaminação de água com Escherichia coli; 2015; Dissertação (Mestrado em BIOTECNOLOGIA UFSC) - Universidade Federal de Santa Catarina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Coorientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Maiara Figueiredo Ramires

Resíduo de Abatedouro de Suínos e aproveitamento como substrato na produção de mudas de porta-enxerto cítrico; 2015; Tese (Doutorado em Ciência do Solo) - Universidade Federal de Santa Maria, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Coorientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Cleison Rodrigo Matthes

Extrato pirolenhoso: potenciais de uso na agricultura; 2017; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização- Segurança Alimentar e Agroecologia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Daniela Bobato

Controle de pragas e doenças com a utilização de extrato vegetal na cultura do tomateiro; 2017; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização- Segurança Alimentar e Agroecologia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Alexandre Dalbianco Griebler (coorientação)

Alternativas para produção de animais de forma agroecológica, com enfoque maior na sanidade através da alimentação e produção de ?leite limpo? e de baixo custo econômico e ambiental; ; 2017; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização- Segurança Alimentar e Agroecologia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

José Alencar Júnior dos Santos (coorientação)

Segurança Alimentar na merenda escolar no município de Miraguaí; 2017; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização- Segurança Alimentar e Agroecologia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Claudia Solange de Moura

Produção de couve manteiga crioula em transição orgânica na região Celeiro do Rio Grande do Sul; 2017; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização- Segurança Alimentar e Agroecologia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Enderli Viana

Avaliação da fauna do solo em diferentes sistemas de manejo de áreas agrícolas; 2017; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em gestão e sustentabilidade ambiental) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

William Kunn (coorientação)

Avaliação de perdas de solo em sistemas de manejo conservacionistas; 2017; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em gestão e sustentabilidade ambiental) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Gerson Artidório Uel Smaniotto (coorientador)

Análise dos sistemas de produção convencional e orgânico da cultura do tabaco; 2017; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização- Segurança Alimentar e Agroecologia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Marli Salete Antoniazzi (coorientação)

Cultivo da erva-mate como alternativa social, econômica e ambiental para comunidades rurais; 2017; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em gestão e sustentabilidade ambiental) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Arnaldo Tonoletto Junior - Coorientação

Utilização de urina como alternativa de fertilização em fejoeiro; 2014; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização- Segurança Alimentar e Agroecologia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Diogenes Fernando Pohl - Coorientação

Produção de capim limão e rabanete em cultivo solteiro e consorciado, sob diferentes níveis de adubação; 2014; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização- Segurança Alimentar e Agroecologia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Eliana Aparecida Cadoná

Avaliação da utilização de dejetos suínos e de aves na como fonte de nutrientes orgânicos como forma de substituição da adubação química nas principais culturas da Sub-Bacia do Herval Novo; 2014; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização- Segurança Alimentar e Agroecologia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Flávio da Silva Wolmann - Coorientação

Adaptabilidade de cultivares de batata-doce na região noroeste do Rio Grande do Sul; 2014; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização- Segurança Alimentar e Agroecologia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Ivo Dahlke - Coorientação

Eficiência do uso preventivo de caldas agroecológicas no controle de doenças e na produtividade de tomateiros conduzidos em ambiente protegido; 2014; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização- Segurança Alimentar e Agroecologia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Micaeli Berwaldt Saul (coorientação)

Identificação dos atrativos com potencial turísticos do meio natural na zona urbana de Três Passos/RS; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Gestão Ambiental) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Jariel Atanuan Jarduzim (coorientação)

Potencial de produção de biogás através dos dejetos de suínos na região Celeiro; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Gestão Ambiental) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Vanessa Luana Thomas

Utilização de dejetos líquidos de suínos em propriedade agrícola no Município de Três Passos e o papel do gestor ambiental; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Gestão Ambiental) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Juliane de Fatima Perchin

Logística reversa de embalagens de defensivos agrícolas na empresa cooperativa tritícola de Campo Novo; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Gestão Ambiental) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Claudete dos Santos

Diagnóstico da produção orgânica e agroecológica do Município de Três Passos e os benefícios para o meio ambiente e população; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Gestão Ambiental) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Claudete dos Santos

Diagnóstico da produção orgânica e agroecológica do Município de Três Passos e os benefícios para o meio ambiente e população; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Gestão Ambiental) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Alexandre Pozzatto

Avaliação da produtividade de cultivares de cana-de-açúcar para a produção de cachaça; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Agronomia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Ângelo Munaretto Krynski

Desempenho de variedades crioulas de feijão com fertilizante orgânico de abatedouro de suínos; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Agronomia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Renan Bianchetto

Desempenho de variedades de milho crioulo no sul do Brasil; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Agronomia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Daniel Erison Fontanive

Produção de gramíneas forrageiras de estação quente para pastejo com diferentes adubações em sistema de transição orgânica; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Agronomia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Julio Cesar Cezimbra

Avaliação de fungicidas biológicos para o controle de ferrugem asiática (Phakopsora pachyrhizi) em soja no sul do Brasil; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Agronomia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Wislan Cassiano Weber (coorientação)

Avaliação da produtividade de milho com diferentes fontes de fertilizantes nitrogenados; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Agronomia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Humberto Othomar Chaise Schroder

Produção de soja sob diferentes doses de pó de rocha em função da adição de gesso agrícola no noroeste do Rio Grande do Sul; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Agronomia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Micaeli Berwaldt Saul (coorientação)

Gerenciamento dos resíduos de serviços de saúde em consultórios odontológicos no município de Três Passos/RS; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Gestão Ambiental) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Juliane de Fatima Perchin

Logística reversa de embalagens de agrotóxicos na empresa Cooperativa Tritícola Mista de Campo Novo; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Gestão Ambiental) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Simone Knop Pozzatto

Proposta de recuperação ambiental de uma área degradada pela disposição inadequada de resíduos da construção civil; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Gestão Ambiental) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Vanessa Luana Thomas

Dejetos líquidos de suínos como foma de adubação orgânica em solo agrícola; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Gestão Ambiental) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Claudete dos Santos (coorientação)

Diagnóstico socioeconômico dos catadores informais no município de Três Passos/RS; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Gestão Ambiental) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Cassiano Vinicius Vivian (coorientação)

Quantidade de agrotóxicos utilizados nas propriedades agrícolas de Tiradentes do Sul; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Gestão Ambiental) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Josiane Juliana Joris (coorientação)

Avaliação da importância dos impactos ambientais associados ao tratamento dos efluentes líquidos de uma indústria de laticínios; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Gestão Ambiental) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Charles Rodrigo Treuherz - Coorientação

Análise da eficiência do sistema de tratamento biológico de efluentes de um abatedouro de suínos na região Noroeste do Rio Grande do Sul; 2015; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Tecnologia em Gestão Ambiental) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Silvia Elisa Braun

DESTINAÇÃO DOS RESÍDUOS SÓLIDOS COLETADOS POR EMPRESA LICENCIADA NO MUNICÍPIO DE TRÊS PASSOS E PERFIL DE SEUS COLABORADORES; 2015; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Tecnologia em Gestão Ambiental) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Lara Francieli Vieira - Coorientação

Diagnóstico da situação atual do Bosque Villa Real em Três Passos ? RS e sua funcionalidade sócio ambiental como área verde; 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Gestão Ambiental) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Adonis Miguel Sehen

Sistemas de manejo de suínos na região celeiro; 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Curso Superior de Tecnologia em Agropecuária) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Marlisete Scherner - Coorientação

CAR - Cadastro ambiental rural no município de Tiradentes do Sul; 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Gestão Ambiental) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Luiz Emilio Nunes Carpes Filho

AVALIAÇÃO DE FUNGICIDAS BIOLÓGICOS PARA O CONTROLE DE FERRUGEM ASIÁTICA (Phakopsora pachyrhizi) EM SOJA NO SUL DO BRASIL; 2019; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Renan Bianchetto

ADAPTABILIDADE DE GENÓTIPOS DE MILHO CRIOULO NA REGIÃO NOROESTE DO RIO GRANDE DO SUL; 2019; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Andersson Daniel Steffler

ADAPTABILIDADE DE VARIEDADES DE MILHO CRIOULO NA REGIÃO NOROESTE DO RIO GRANDE DO SUL; 2018; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul, Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Humberto Othomar Chaise Schroder

Balcão agrícola de difusão em manejo e fertilidade do solo no Município de Três Passos ? RS; 2018; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul, Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Tiele Lais Kappaun

PRODUÇÃO ORGÂNICA DE ALIMENTOS ATRAVÉS DA COMPOSTAGEM COMO FERRAMENTA DE SENSIBILIZAÇÃO AMBIENTAL A ESTUDANTES DO INSTITUTO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO ÉRICO VERÍSSIMO; 2018; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Gian Francisco Barcellos Bester

AVALIAÇÃO DE FUNGICIDAS BIOLÓGICOS PARA O CONTROLE DE FERRUGEM ASIÁTICA (Phakopsora pachyrhizi) EM SOJA NO SUL DO BRASIL; 2018; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul, Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Daniel Erison Fontanive

ADAPTABILIDADE DE VARIEDADES DE MILHO CRIOULO NA REGIÃO NOROESTE DO RIO GRANDE DO SUL; 2018; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul, Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Julio Cesar Cezimbra

COMPOSTAGEM DE RESÍDUOS DE ABATEDOUROS DE SUÍNOS E PRODUÇÃO DE MILHO NA REGIÃO NOROESTE DO RIO GRANDE DO SUL; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul, Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Renan Bianchetto

ADAPTABILIDADE DE GENÓTIPOS DE MILHO CRIOULO NA REGIÃO NOROESTE DO RIO GRANDE DO SUL; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Ângelo Munaretto

ADAPTABILIDADE DE GENÓTIPOS DE MILHO CRIOULO NA REGIÃO NOROESTE DO RIO GRANDE DO SUL; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul, Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Daniel Erison Fontanive

COMPOSTAGEM DE RESÍDUOS DE ABATEDOUROS DE SUÍNOS E PRODUÇÃO DE MILHO NA REGIÃO NOROESTE DO RIO GRANDE DO SUL; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Renan Bianchetto

ADAPTABILIDADE DE GENÓTIPOS DE MILHO CRIOULO NA REGIÃO NOROESTE DO RIO GRANDE DO SUL; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Marco Antonio de Oliveira

COMPOSTAGEM DE RESÍDUOS DE ABATEDOUROS DE SUÍNOS E PRODUÇÃO DE MILHO NA REGIÃO NOROESTE DO RIO GRANDE DO SUL; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Daniel Erison Fontanive

COMPOSTAGEM DE RESÍDUOS DE ABATEDOUROS DE SUÍNOS E PRODUÇÃO DE MILHO NA REGIÃO NOROESTE DO RIO GRANDE DO SUL; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Julio Cesar Cezimbra

COMPOSTAGEM DE RESÍDUOS DE ABATEDOUROS DE SUÍNOS E PRODUÇÃO DE MILHO NA REGIÃO NOROESTE DO RIO GRANDE DO SUL; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Ângelo Munaretto

ADAPTABILIDADE DE GENÓTIPOS DE MILHO CRIOULO NA REGIÃO NOROESTE DO RIO GRANDE DO SUL; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Wislan Cassiano Weber

Monitoria Disciplina: Fertilidade do Solo; ; 2017; Orientação de outra natureza; (Agronomia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Maria Helena Steffen

Monitoria Disciplina Geomorfologia e Meio Ambiente; 2015; Orientação de outra natureza; (Gestão Ambiental) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul, Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Darlan Weber da Silva

Monitoria Disciplina de Uso e Conservação do Solo; 2015; Orientação de outra natureza; (Agronomia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul, Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Greicia Senger

Monitoria Disciplina de Economia e Meio Ambiente; 2015; Orientação de outra natureza; (Gestão Ambiental) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul, Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Julio Cesar Cezimbra

Monitoria Disciplina de Dinâmica e Evolução dos Sistemas Agrários; 2015; Orientação de outra natureza; (Agronomia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul, Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Ângelo Munaretto

Monitoria Disciplina de Restauração Ecológica; 2015; Orientação de outra natureza; (Agronomia) - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul, Universidade Estadual do Rio Grande do Sul; Orientador: Eduardo Lorensi de Souza;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Andréa Hentz de Mello

Estabelecimento de Mudas micorrizadas de Eucalyptus grandis e Acácia mearnsii originárias de diferentes substratos; 2003; Orientação de outra natureza; (Agronomia) - Universidade Federal de Santa Maria; Orientador: Andréa Hentz de Mello;

ZAIDA INES ANTONIOLLI

PRODUÇÃO DE MUDAS E CRESCIMENTO DE Eucalyptus grandis HILL EX MAIDEN INOCULADO COM FUNGOS ECTOMICORRÍZICOS EM ÁREA ARENIZADA; 2007; Dissertação (Mestrado em Ciência do Solo) - Universidade Federal de Santa Maria, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Zaida Ines Antoniolli;

ZAIDA INES ANTONIOLLI

Divulgação de trabalhos de pesquisas e prestação de serviços em minhocultura e meio ambiente a comunidade; 2007; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Federal de Santa Maria, Fundos de Incentivo a Extensão; Orientador: Zaida Ines Antoniolli;

ZAIDA INES ANTONIOLLI

Divulgação de trabalhos de pesquisas e prestação de serviços em minhocultura e meio ambiente a comunidade; 2006; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Federal de Santa Maria, Fundos de Incentivo a Extensão; Orientador: Zaida Ines Antoniolli;

ZAIDA INES ANTONIOLLI

Divulgação de trabalho de pesquisa, prestação de serviço em minhocultura e meio ambiente e comunidade; 2004; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Federal de Santa Maria, Fundos de Incentivo a Extensão; Orientador: Zaida Ines Antoniolli;

SANDRO JOSÉ GIACOMINI

Manejo pós-colheita da palha do arroz irrigado: emissão de gases de efeito estufa e produtividade da cultura; 2013; Tese (Doutorado em Ciência do Solo) - Universidade Federal de Santa Maria, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Sandro José Giacomini;

SANDRO JOSÉ GIACOMINI

2014; Universidade Federal de Santa Maria, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul; Sandro José Giacomini;

Celso Aita

Emissão de CH4 e N2O na cultura do arroz irrigado sob diferentes sistemas de manejo da palha pós-colheita; 2013; Tese (Doutorado em Ciência do Solo) - Universidade Federal de Santa Maria, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Coorientador: Celso Aita;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • RAMIRES, MAIARA FIGUEIREDO ; LORENSI DE SOUZA, EDUARDO ; DE CASTRO VASCONCELOS, MARLON ; CLASEN, BÁRBARA ESTEVÃO ; FONTANIVE, DANIEL ERISON ; BIANCHETTO, RENAN ; GRASEL CEZIMBRA, JÚLIO CESAR ; ANTONIOLLI, ZAIDA INÊS . Enzyme assays and toxicity of pig abattoir waste in Eisenia andrei. ENVIRONMENTAL POLLUTION , v. 260, p. 113928, 2020.

  • FOLLMER, DARLES LUAN SCHNEIDER ; BISOGNIN, RAMIRO PEREIRA ; DE SOUZA, EDUARDO LORENSI ; VASCONCELOS, MÁRLON DE CASTRO ; GUERRA, DIVANILDE ; DA SILVA, DANNI MAISA . CONSTRUÇÃO E EFICIÊNCIA DE UM FOTORREATOR DE RADIAÇÃO ULTRAVIOLETA DE BAIXO CUSTO PARA DESINFECÇÃO DE ÁGUA. Revista Gestão e Sustentabilidade Ambiental , v. 8, p. 165, 2020.

  • SCHMITT, FERNANDA ; SILVA, DANNI MAISA DA ; BOHRER, ROBSON EVALDO GEHLEN ; SOUZA, EDUARDO LORENSI DE ; BISOGNIN, RAMIRO PEREIRA ; GUERRA, DIVANILDE . GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS SÓLIDOS EM UMA EMPRESA DE CONFECÇÃO DE VESTUÁRIO NO MUNICÍPIO DE TRÊS PASSOS/RS. REVISTA DE ESTUDOS AMBIENTAIS (ONLINE) , v. 21, p. 58-70, 2020.

  • TONELLOTTO JUNIOR, A. ; GUERRA, D. ; SOUZA, E. L. ; VASCONCELOS, M. C. ; SCHERER, G. C. R. S. ; NYARI, N. L. ; KUNZ, D. W. ; ROSA, C. P. . Programa de Fomento à Inclusão Social e Produtiva: diagnóstico e avaliação de uma ação desenvolvida no Município de Três Passos. EXTENSÃO EM FOCO , v. 1, p. 107-123, 2019.

  • GEHLEN BOHRER, ROBSON EVALDO ; LANGNER, CARLOS HENRIQUE ; MUELLER DE LARA, DANIELA ; LORENSI DE SOUZA, EDUARDO ; PEREIRA BISOGNIN, RAMIRO ; GUERRA, DIVANILDE ; DA SILVA, DANNI MAISA . AVALIAÃ?Ã?O DA DISPOSIÃ?Ã?O IRREGULAR DE RESÃ?DUOS SÃ?LIDOS NO MUNICÃ?PIO DE SANTO AUGUSTO/RS. Revista Gestão e Sustentabilidade Ambiental , v. 8, p. 175, 2019.

  • RAMIRES, MAIARA FIGUEIREDO ; SOUZA, EDUARDO LORENSI DE ; FONTANIVE, DANIEL ERISON ; BIANCHETTO, RENAN ; KRYNSKI, ÂNGELO MUNARETTO ; CEZIMBRA, JÚLIO CESAR GRASEL ; ANTONIOLLI, ZAIDA INÊS . Ecotoxicology of Pig Slaughterhouse Waste Using Lactuca sativa L., Raphanus sativus L., and Oryza sativa L.. REVISTA BRASILEIRA DE CIÊNCIA DO SOLO (ONLINE) , v. 43, p. 180, 2019.

  • DAHLKE, I. ; GUERRA, D. ; SOUZA, E. L. ; LANZANOVA, M. E. ; BOHRER, R. E. G. ; RAMIRES, M. F. . Desempenho produtivo do tomateiro sob cultivo protegido utilizando caldas agroecológicas. CULTURA AGRONOMICA (UNESP. ILHA SOLTEIRA) , v. 28, p. 204-2014, 2019.

  • KEHL, A. ; GUERRA, D. ; LANZANOVA, MASTRÂNGELLO ENÍVAR ; SILVA, DANNI MAISA DA ; SOUZA, E. L. ; BOHRER, ROBSON EVALDO GEHLEN ; SEHN, T. T. . USO DE DETERGENTE À BASE DE CARQUEJA (BACCHARIS TRIMERA) COMO ALTERNATIVA PARA A LIMPEZA DE EQUIPAMENTOS DA ORDENHA. Revista Brasileira de Agropecuária Sustentável (RBAS) , v. 9, p. 110, 2019.

  • CARVALHO DE MENDONÇA, PEDRO ; PEREIRA BISOGNIN, RAMIRO ; DE CASTRO VASCONCELOS, MÁRLON ; LORENSI DE SOUZA, EDUARDO ; GEHLEN BOHRER, ROBSON E. . AVALIAÇÃO DA QUALIDADE DAS ÁGUAS EM POÇOS DESTINADOS AO ABASTECIMENTO PÚBLICO NO NOROESTE DO RIO GRANDE DO SUL. REVISTA AIDIS DE INGENIERÍA Y CIENCIAS AMBIENTALES , v. 12, p. 552, 2019.

  • CADONA, E. A. ; RAMPINELLI, E. C. ; BUENO, A. C. ; TIEPPO, A. L. B. ; SOARES, C. R. F. S. ; SOUZA, E. L. ; Ferreira, Guilherme Wilbert ; LOURENZI, C. R. . pH values and presence of Escherichia coli in human water supply in an area of intense swine activity. CIÊNCIA E NATURA , v. 41, p. 15, 2019.

  • GRIEBLER, A. D. ; REDIN, M. ; DINIZ, L. G. ; RAUBER, K. P. ; ANESSE, E. ; TONELLOTTO JUNIOR, A. ; ARBO, I. R. B. C. ; SOUZA, E. L. ; BOHRER, R. E. G. ; GUERRA, D. ; SILVA, D. M. . PROGRAMA ATER SUSTENTABILIDADE: VISÃO GERAL DO PROGRAMA E RESULTADOS NO MUNICÍPIO DE TRÊS PASSOS ? RS. EXTENSÃO EM FOCO , v. 1, p. 1-13, 2018.

  • ANTONIAZZI, M. S. ; ROCHA, L. D. ; SOUZA, E. L. ; GUERRA, D. ; SILVA, D. M. ; REDIN, M. . ANÁLISE DA CULTURA DA ERVA-MATE COMO ALTERNATIVA SOCIAL, ECONÔMICA E AMBIENTAL PARA COMUNIDADES RURAIS. EXTENSÃO EM FOCO , v. 1, p. 1-12, 2018.

  • SANTOS, C. ; BISOGNIN, R. P. ; SOUZA, E. L. ; GUERRA, D. ; VASCONCELOS, M. C. . PERFIL SOCIOECONÔMICO DE CATADORES DE MATERIAIS RECICLÁVEIS DO MUNICÍPIO DE TRÊS PASSOS-RS. EXTENSÃO EM FOCO , v. 1, p. 1-16, 2018.

  • SOUZA, EDUARDO LORENSI DE ; DAMASCENO, FABIANO ; SCHIRMER, Guilherme Karsten ; RAMIRES, MAIARA FIGUEIREDO ; BISOGNIN, RAMIRO PEREIRA ; BOHRER, ROBSON EVALDO GEHLEN ; VASCONCELOS, MARLON DE CASTRO ; CEZIMBRA, JULIO CESAR GRASEL . RESÍDUOS CONTAMINANTES NO SOLO: POSSIBILIDADES E CONSEQUÊNCIAS. Revista Gestão e Sustentabilidade Ambiental , v. 7, p. 484, 2018.

  • SANTOS, F. A. ; BRASIL, L. M. M. ; FARIA, D. ; SILVA, V. S. ; GOMES, L. ; VILARES, M. ; MACHADO, G. ; SOUZA, E. L. . Aproveitamento integral do nabo forrageiro (Raphanus Sativus L.) em processos de biorrefinaria. Engevista , v. 20, p. 374-393, 2018.

  • MOURA, CLÁUDIA SOLANGE DE ; BISOGNIN, RAMIRO PEREIRA ; SILVA, DANNI MAISA DA ; GUERRA, DIVANILDE ; BIANCHETTO, RENAN ; SOUZA, EDUARDO LORENSI DE . Produtividade de Brassica oleracea em sistema de transição orgânica no Sul do Brasil. REVISTA VERDE DE AGROECOLOGIA E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL , v. 13, p. 138, 2018.

  • SCHERER, G. C. R. S. ; GUERRA, D. ; SILVA, D. M. ; NYARI, N. L. ; LANZANOVA, M. E. ; SOUZA, E. L. . QUALIDADE DO LEITE PRODUZIDO NA REGIÃO CELEIRO DO RIO GRANDE DO SUL - BRASIL. PERSPECTIVA (EREXIM) , v. 42, p. 29, 2018.

  • CADONA, E. A. ; LOURENZI, C. R. ; SOUZA, E. L. ; RAMPINELLI, E. C. ; SANTOS, M. L. ; SETE, P. B. ; SOARES, C. R. F. S. . CONTAMINAÇÃO POR NITROGÊNIO E FÓSFORO DE ÁGUAS DESTINADAS AO CONSUMO HUMANO EM REGIÃO COM INTENSA ATIVIDADE SUINÍCOLA.. GEOCIÊNCIAS (SÃO PAULO. ONLINE) , v. 37, p. 883, 2018.

  • LAUERMANN, ETHIER ; BISOGNIN, RAMIRO PEREIRA ; BOHRER, ROBSON EVALDO ; SOUZA, EDUARDO LORENSI DE ; GUERRA, DIVANILDE . ANÁLISE DOS ASPECTOS DE VIABILIDADE DO USO DE CONCRETO COM RESÍDUOS DE BORRACHA PARA PASSEIOS PÚBLICOS EM MUNICÍPIO DO RIO GRANDE DO SUL. Revista Gestão e Sustentabilidade Ambiental , v. 7, p. 113, 2018.

  • SAUL, M. B. ; BISOGNIN, R. ; SOUZA, E. L. ; SILVA, D. M. ; BOHRER, R. E. G. . GERENCIAMENTO DOS RESÍDUOS DE SERVIÇOS DE SAÚDE EM CONSULTÓRIOS ODONTOLÓGICOS DE TRÊS PASSOS/RS. REVISTA DE ESTUDOS AMBIENTAIS (ONLINE) , v. 20, p. 49-61, 2018.

  • SCHERER, G. C. ; GUERRA, D. ; SILVA, Danni Maisa da ; NYARI, N. L. D. ; LANZANOVA, M. E. ; SOUZA, E. L. . QUALIDADE DO LEITE PRODUZIDO NA REGIÃO CELEIRO DO RIO GRANDE DO SUL - BRASIL. REVISTA PERSPECTIVA (ONLINE) , v. 42, p. 29-36, 2018.

  • VARGAS, C. V. ; SILVA, D. M. ; GUERRA, D. ; BOHRER, R. E. G. ; LANZANOVA, M. E. ; BISOGNIN, R. P. ; SOUZA, E. L. ; GABRIEL, G. E. M. . ANÁLISE DOS ASPECTOS ECONÔMICOS E AMBIENTAIS DA ATIVIDADE LEITEIRA EM PROPRIEDADES RURAIS DE UM MUNICÍPIO DA REGIÃO NORTE DO RIO GRANDE DO SUL. BRASILIAN JOURNAL OF SUSTAINABLE AGRICULTURE. , v. 8, p. 9, 2018.

  • SOUZA, E. L. ; ANTONIOLLI, Z. I. ; GOULART, R. M. ; ECKARDHT, D. P. ; DAHMER, S. ; REDIN, M. ; RAMIRES, M. F. . FUNGOS ECTOMICORRÍZICOS NA PRODUÇÃO DE MUDAS DE Eucalyptus grandis W. Hill ex. Maiden EM NEOSSOLO QUARTZARÊNICO. CIÊNCIA FLORESTAL (ONLINE) , v. 27, p. 471, 2017.

  • MASSOTTI, RAFAEL ; SILVA, DANNI MAISA DA ; BOHRER, ROBSON ; GUERRA, DIVANILDE ; SOUZA, EDUARDO LORENSI DE ; BISOGNIN, RAMIRO PEREIRA . Biosseguridade na produção de suínos. REVISTA DE CIÊNCIAS AGROVETERINÁRIAS , v. 16, p. 128-135, 2017.

  • GIRARDELLO, RUDINEI ; SILVA, DANNI MAISA DA ; GUERRA, DIVANILDE ; LANZANOVA, MASTRÂNGELLO ENÍVAR ; SOUZA, EDUARDO LORENSI DE . Produção de alface sob plantio direto em sistema de transição agroecológica. REVISTA VERDE DE AGROECOLOGIA E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL , v. 12, p. 273-279, 2017.

  • BIANCHETTO, RENAN ; FONTANIVE, DANIEL ERISON ; CEZIMBRA, JÚLIO CESAR GRASEL ; KRYNSKI, ÂNGELO MUNARETTO ; RAMIRES, MAIARA FIGUEIREDO ; ANTONIOLLI, ZAIDA INÊS ; SOUZA, EDUARDO LORENSI . Desempenho agronômico de milho crioulo em diferentes níveis de adubação no Sul do Brasil. Revista Eletrônica Científica da UERGS , v. 3, p. 528, 2017.

  • STROEHER1, F. H. ; Bárbara Clasen ; SILVA, D. M. ; BISOGNIN, R. P. ; SOUZA, E. L. ; LANZANOVA, M. E. ; GUERRA, D. ; WEBER, F. H. . QUALIDADE DO LEITE: VISÃO DE PRODUTORES RURAIS DO MUNICÍPIO DE SÃO MARTINHO - RS. BRASILIAN JOURNAL OF SUSTAINABLE AGRICULTURE. , v. 7, p. 88-94, 2017.

  • CADONA, E. A. ; SOUZA, E. L. ; GUERRA, D. ; BOHRER, R. E. G. . UTILIZAÇÃO DE ADUBAÇÃO ORGÂNICA COM DEJETOS DE SUÍNOS E CONTAMINAÇÃO DE ÁGUA E DE SOLO POR COLIFORMES. CIÊNCIA E NATURA , v. 38, p. 1601, 2016.

  • BOHRER, R. E. G. ; VASCONCELOS, M. C. ; SIPPERT, L. ; BISOGNIN, R. P. ; SOUZA, E. L. . Estudo e Implantação de Projeto de Monitoramento de Vazão das Principais Nascentes do Lajeado Erval Novo. Revista Monografias Ambientais , v. 15, p. 108-111, 2015.

  • BOHRER, R. E. G. ; GUERRA, D. ; SOUZA, E. L. ; SENGER, G. C. ; ROYER, I. . Educação Ambiental nas Escolas da Rede Municipal de Três Passos - RS. Revista Monografias Ambientais , v. 1, p. 84-90, 2015.

  • LEAO, R. ; GIACOMINI, S. J. ; REDIN, M. ; SOUZA, E. L. ; SILVEIRA, C. A. P. . A adição de xisto retortado aumenta a retenção do carbono de resíduos vegetais no solo. PESQUISA AGROPECUARIA BRASILEIRA , v. 49, p. 818-822, 2014.

  • ANTONIOLLI, ZAIDA INÊS ; REDIN, MARCIEL ; SOUZA, EDUARDO LORENSI DE ; POCOJESKI, ELISANDRA . Metais pesados, agrotóxicos e combustíveis: efeito na população de colêmbolos no solo. CIENCIA RURAL , v. 43, p. 992-998, 2013.

  • SOUZA, EDUARDO LORENSI DE ; ANTONIOLLI, ZAIDA INÊS ; MACHADO, RAFAEL GOULART ; ECKHARDT, DANIEL PAZZINI ; DAHMER, SABRINA DE FÁTIMA BARBOSA . Eucalyptus grandis Hill ex Maiden inoculated with Pisolithus microcarpus (UFSC-Pt116) in land subject to the sandy process in southern Brazil. Brazilian Journal of Microbiology (Impresso) , v. no, p. 0-0, 2013.

  • SOUZA, E. L. ; Antoniolli ; GOULART, R. M. ; ECKHARDT, D. P. ; DAHMER, S. ; SCHIRMER . Efeito da inoculação com isolados de fungos ectomicorrízicos sobre o desenvolvimento de mudas de Eucalyptus grandis Hill ex Maiden. CIÊNCIA FLORESTAL (ONLINE) , v. 22, p. 251, 2012.

  • REDIN, M. ; SANTOS, G. F. ; MIGUEL, P. ; LUPATINI, M. ; DONEDA, A. ; SOUZA, E. L. . Impactos da queima sobre atributos químicos, físicos e biológicos do solo. Ciência Florestal (UFSM. Impresso) , v. 21, p. 381-392, 2011.

  • MELLO ; Antoniolli ; KAMINSKI, J. ; SANTOS, L. C. ; SOUZA, E. L. ; SCHIRMER ; GOULART, R. M. ; LUPATINI, M. ; MORO JUNIOR, C. . Estabelecimento a campo de mudas de Eucalyptus grandis micorrizadas com Pisolithus microcarpus (UFSC Pt 116) em solo arenoso. CIENCIA FLORESTAL , v. 19, p. 149-155, 2009.

  • MELLO ; KAMINSKI, J. ; Antoniolli ; SANTOS, L. C. ; SOUZA, E. L. ; SCHIRMER ; GOULART, R. M. . Influência de substratos e fósforo na produção de mudas micorrizadas de Acácia mearnsii De Wild. Ciência Florestal (UFSM. Impresso) , v. 18, p. 325-331, 2008.

  • MELLO ; Antoniolli ; KAMINSKI, J. ; SOUZA, E. L. ; OLIVEIRA, V. L. . Fungos arbusculares e ectomicorrízicos em áreas de eucalipto de campo nativo em solo arenoso. CIENCIA FLORESTAL , v. 16, p. 293-301, 2006.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

SOUZA, E. L. . Avaliador Ad Hoc - Institucionalização de projetos de pesquisa - Demanda Espontânea da Universidade Federal da Fronteira Sul 2018 - Projeto Sistemas de manejo do solo para produção sustentável de culturas agrícolas na região missioneira do Rio Grande do Sul. 2018.

SOUZA, E. L. . Avaliador Ad Hoc - Institucionalização de projetos de pesquisa - Demanda Espontânea da Universidade Federal da Fronteira Sul 2018 da proposta PES-2018-0329, submetida ao EDITAL N 191/GR/UFFS/2018 ? PROBIC/FAPERGS, da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) - Campus Erechim. 2018.

SOUZA, E. L. . Avaliador Ad Hoc - Revista em Agronegócio e Meio Ambiente - INTENSIDADE DE DANOS DA BROCA DA CANA-DE-AÇÚCAR CULTIVADA SOB DIFERENTES NÍVEIS DE SILÍCIO. 2018.

SOUZA, E. L. . Avaliador Ad Hoc - Institucionalização de projetos de pesquisa - Demanda Espontânea da Universidade Federal da Fronteira Sul edital n. 399/GR/UFFS/2017. 2017.

SOUZA, E. L. . Avaliador Ad Hoc - Institucionalização de projetos de pesquisa - Demanda Espontânea da Universidade Federal da Fronteira Sul edital n. 681/GR/UFFS/2017. 2017.

SOUZA, E. L. . Avaliador Ad Hoc - Institucionalização de projetos de pesquisa - Demanda Espontânea da Universidade Federal da Fronteira Sul edital n. 398/GR/UFFS/2017. 2017.

SOUZA, E. L. . Avaliador Ad Hoc - III Simpósio Regional de Gestão Ambiental. 2017.

SOUZA, E. L. . Avaliador Ad Hoc - Institucionalização de projetos de pesquisa - Demanda Espontânea da Universidade Federal do Cariri - Edital unificado das ações acadêmica da Universidade Federal do Cariri n. 01/2017 na área temática meio ambiente. 2017.

SOUZA, E. L. . Avaliador Ad Hoc - IX Seminário Brasileiro Sobre Pequenas Frutas. 2017.

SOUZA, E. L. . Avaliador Ad Hoc - Institucionalização de projetos de pesquisa - Demanda Espontânea da Universidade Federal da Fronteira Sul - Proposta 23205001933/2016-99. 2016.

SOUZA, E. L. . Avaliador Ad Hoc - Institucionalização de projetos de pesquisa - Demanda Espontânea da Universidade Federal da Fronteira Sul edital Proposta 23205002402/2016-13. 2016.

SOUZA, E. L. . Avaliador Ad Hoc - Institucionalização de projetos de pesquisa - Demanda Espontânea da Universidade Estadual do Mato Grosso - SojaSat ? Difusão do Monitoramento das Áreas de Soja no Estado de Mato Grosso. 2016.

SOUZA, E. L. . Avaliador Ad Hoc - 4 Siepex - Salão Integrado de Ensino, Pesquisa e Extensão da Uergs. 2014.

SOUZA, E. L. . Avaliador Ad Hoc - VIII Congresso brasileiro de arroz irrigado. 2013.

SOUZA, E. L. . Avaliador Ad Hoc - VIII Reunião Sul-Brasileira de Ciência do Solo. 2010.

SOUZA, E. L. . Monitoramento Ambiental de Microbacias Hidrográficas ? Caracterização física, química e biológica dos solos na microbacia do Rio Inhanduva 2005. 2005.

SOUZA, E. L. . Relatório Marco Zero ? Solos da Microbacia do Córrego das Três Barras, Município de Marinópolis, SP 2004. 2004.

SOUZA, E. L. . Relatório Marco Zero ? Solos da Microbacia Rio da Onça, Município de Monte Alto, SP 2004. 2004.

SOUZA, E. L. . Monitoramento Ambiental de Microbacias Hidrográficas ? Caracterização física, química e biológica dos solos na microbacia do Rio Inhanduva 2004. 2004.

SOUZA, E. L. . Relatório Marco Zero ? Solos da Microbacia do Ribeirão Bandeirantes - Rebojo, Município de Tarabai, SP 2004. 2004.

SOUZA, E. L. . Relatório Marco Zero ? Solos da Microbacia Água da Faca, Município de Piratininga, SP 2004. 2004.

FONTANIVE, D. E. ; SOUZA, E. L. . Compostagem de Resíduos de Abatedouros de Suínos e Produção de Milho na Região Noroeste do Rio Grande do Sul. 2017. (Relatório de pesquisa).

KRINSKI, A. M. ; SOUZA, E. L. . ADAPTABILIDADE DE VARIEDADES DE MILHO CRIOULO EM LATOSSOLO NO NOROESTE DO RIO GRANDE DO SUL. 2017. (Relatório de pesquisa).

CEZIMBRA, J. C. G. ; SOUZA, E. L. . Compostagem de Resíduos de Abatedouros de Suínos e Produção de Milho na Região Noroeste do Rio Grande do Sul. 2017. (Relatório de pesquisa).

SOUZA, E. L. ; BERNARDO, K. D. ; NODARI, R. ; BERNARDO, R. C. . Produção de biodiesel à partir de óleo de cozinha usado. 2016. .

BIANCHETTO, R. ; SOUZA, E. L. . Produtividade de Milho Crioulo em Latossolo no Noroeste do Rio Grande do Sul. 2016. (Relatório de pesquisa).

FONTANIVE, D. E. ; SOUZA, E. L. . Compostagem de Resíduos de Abatedouros de Suínos e Produção de Milho na Região Noroeste do Rio Grande do Sul. 2016. (Relatório de pesquisa).

SOUZA, E. L. . Amostragem, análise de solos e recomendação de adubação. 2015. .

CERETTA, C. A. ; AITA, C. ; DONEDA, A. ; Eduardo Lorensi de ; SOUZA, E. L. . Manejo e conservação do Solo. 2010. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila de Graduação modalidade à distância do curso de Agricultura Familiar e Sustentabilidade).

GIACOMINI, S. J. ; REDIN, M. ; SOUZA, E. L. . Apostila da disciplina Produção Agropecuária em Terras Declivosas - Graduação modalidade à distância do Curso de Agricultura Familiar e Sustentabilidade da UFSM 2010. 2010. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Desenvolvimento de material didático).

Antoniolli ; STEFFEN, G. P. K. ; STEFFEN, R. B. ; Eduardo Lorensi de ; SOUZA, E. L. . 3 Curso de Minhocultura. 2008. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

Eduardo Lorensi de ; 3 Curso de Atualização da EMATER. 2008. .

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2019 - Atual

    AVALIAÇÃO DA INOCULAÇÃO COM Azospirillum brasilense NA CULTURA DO MILHO EM SISTEMA DE PLANTIO DIRETO NO SUL DO BRASIL, Descrição: O fornecimento do nitrogênio via fertilizantes químicos no milho é o que mais onera os custos de adubação, sendo o principal fator responsável pelo alto custo de produção da cultura. A adubação nitrogenada no milho é de grande importância, pois o nitrogênio é absorvido em grandes quantidades e é um dos nutrientes que apresenta os maiores efeitos no aumento da produtividade de grãos da cultura. As bactérias diazotróficas ou bactérias promotoras de crescimento são microorganismos benéficos às plantas, estas apresentam capacidade de colonizar a rizosfera das plantas e contribuem principalmente com a nutrição nitrogenada a partir da fixação biológica de nitrogênio. Essas bactérias benéficas à cultura do milho, como o Azospirillum brasilense, podem trazer ganhos consistentes para o agricultor sem a necessidade de grandes investimentos com fertilizantes químicos, particularmente os nitrogenados. Nesse contexto, o objetivo do presente trabalho é avaliar os efeitos da inoculação com bactérias diazotróficas soba a cultura do milho no sul do Brasil. Os tratamentos serão formados por duas cultivares de milho e diferentes doses de nitrogênio combinadas ou não com a inoculação de Azospirillum brasilense. O delineamento utilizado se constituirá em blocos ao acaso com quatro repetições de cada tratamento avaliado. As parcelas serão delimitadas nas medidas 4,5 m x 2 m (9 m). O espaçamento entre linhas da cultura do milho será de 0,45 m. Será realizada a semeadura de duas cultivares de milho (DOW 2B512 e SCS 155 CATARINA). Será utilizada a inoculação com A. brasilense através da aplicação via semente e via sulcos de semeadura do produto comercial na concentração de 2,0 x 108 UFC/ml. Serão analisadas as seguintes variáveis: biomassa verde e matéria seca de plantas; número de espigas por planta; peso de espigas; comprimento de espigas; número de fileiras de grãos por espiga; número de grãos por espiga; peso de 1000 grãos; diâmetro do sabugo e a produtividade de grãos. Espera-se que a inoculação promova melhor produtividade e ganhos na cultura do milho quando comparada à adubação nitrogenada tradicional.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Eduardo Lorensi de Souza - Coordenador / Maiara Figueiredo Ramires - Integrante / Robson Evaldo Gehlen Bohrer - Integrante / Divanilde Guerra - Integrante / Danni Maisa da Silva - Integrante / Fernando Almeida Santos - Integrante.

  • 2019 - Atual

    COMPOSTAGEM DE EFLUENTE SUÍNO COMO PROPOSTA DE DEGRADAÇÃO DE ANTIBIÓTICOS DE USO VETERINÁRIO, Descrição: A suinocultura ocupa atualmente um lugar de destaque nos estados do Sul do País, possuindo aproximadamente 50% do plantel nacional, estimado de 42 milhões de cabeça de suínos. A atividade suinícola contribui significativamente para a geração de impactos ambientais junto ao meio ambiente, dentre eles a contaminação por metais pesados do solo e recursos hídricos. Estes impactos, muitas vezes, ocasionados pela falta de gestão e sistemas de tratamento adequados dos resíduos gerados pela atividade. A alta demanda por proteína animal, tem exercido pressões no atual sistema produtivo animal, e uma das alternativas encontrada pelos produtores foi à utilização de medicamentos veterinários, principalmente os antibióticos. Seus usos vão desde o uso terápico, preventivo no tratamento de diversas doenças e como promotores de crescimento. A utilização indiscriminada e sem controle, atualmente está pondo em risco o equilíbrio ambiental dos locais produtores, por meio da contaminação do efluente, devido, ao organismo animal não absorver por completo os medicamentos, onde uma fração acaba sendo excretada por meio das fezes e urina, inicialmente acumulando-se no efluente. Muitos produtores vêm utilizando o chorume contaminado como biofertilizante, aplicando em suas terras. Estes resíduos possuem a capacidade de acumulação junto ao solo e de serem lixiviados para os recursos hídricos, além de estar relacionado com a resistência de bactérias aos antibióticos, resultando em sérios riscos ao meio ambiente e a saúde humana. Neste sentido fazem-se necessários maiores estudos sobre técnicas e processos de tratamento de efluentes orgânicos contaminados por fármacos veterinários. Sistemas alternativos de tratamento de baixo custo e ambientalmente viáveis, são necessidades para a minimização da entrada no ambiente destes contaminantes.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Eduardo Lorensi de Souza - Integrante / Maiara Figueiredo Ramires - Integrante / Robson Evaldo Gehlen Bohrer - Coordenador / Divanilde Guerra - Integrante / Danni Maisa da Silva - Integrante / Fernando Almeida Santos - Integrante.

  • 2019 - Atual

    AVALIAÇÃO TOXICOLÓGICA DO BIOCOMPOSTO DE EFLUENTE SUÍNO CONTAMINADO COM MEDICAMENTOS DE USO VETERINÁRIO, Descrição: A suinocultura ocupa atualmente um lugar de destaque nos estados do Sul do País, possuindo aproximadamente 50% do plantel nacional, estimado de 42 milhões de cabeça de suínos. A atividade suinícola contribui significativamente para a geração de impactos ambientais junto ao meio ambiente, dentre eles a contaminação por metais pesados do solo e recursos hídricos. Estes impactos, muitas vezes, ocasionados pela falta de gestão e sistemas de tratamento adequados dos resíduos gerados pela atividade. A alta demanda por proteína animal, tem exercido pressões no atual sistema produtivo animal, e uma das alternativas encontrada pelos produtores foi à utilização de medicamentos veterinários, principalmente os antibióticos. Seus usos vão desde o uso terápico, preventivo no tratamento de diversas doenças e como promotores de crescimento. A utilização indiscriminada e sem controle, atualmente está pondo em risco o equilíbrio ambiental dos locais produtores, por meio da contaminação do efluente, devido, ao organismo animal não absorver por completo os medicamentos, onde uma fração acaba sendo excretada por meio das fezes e urina, inicialmente acumulando-se no efluente. Muitos produtores vêm utilizando o chorume contaminado como biofertilizante, aplicando em suas terras. Estes resíduos possuem a capacidade de acumulação junto ao solo e de serem lixiviados para os recursos hídricos, além de estar relacionado com a resistência de bactérias aos antibióticos, resultando em sérios riscos ao meio ambiente e a saúde humana. Sistemas alternativos de tratamento de baixo custo e ambientalmente viáveis, se tornam necessários para a minimização da entrada no ambiente destes contaminantes, com isso surge a compostagem como alternativa ao tratamento dos efluentes suíno. Contudo, o biocomposto gerado, muitas vezes pode estar contaminado com resíduos, em ordem de miligrama e microgramas, capazes de poluir, recursos hídricos e o solo. Com isso, o presente trabalho tem como objetivo avaliar os efeitos tóxicos potenciais do biocomposto gerado pela compostagem a partir de efluente orgânico proveniente da suinocultura contaminado com antibióticos de uso veterinário, por meio de ensaios de toxicidade aguda em minhocas. Com a avaliação dos resultados a serem obtidos, espera-se obter uma clareza em relação a toxicidade do biocomposto, atestando e certificando que a utilização como fertilizante orgânico, sem prejuízos aos ambiente.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Eduardo Lorensi de Souza - Integrante / Robson Evaldo Gehlen Bohrer - Coordenador / Divanilde Guerra - Integrante / Danni Maisa da Silva - Integrante / Bárbara Estevão Clasen - Integrante / Aaron Concha Vázquez Hengles - Integrante.

  • 2018 - 2018

    ATIVIDADE DA FAUNA EDÁFICA COM O USO DE BAIT-LAMINA EM PASTAGENS SOB DIFERENTES SISTEMAS DE MANEJO, Descrição: A metodologia de uso de bait-lamina tem como finalidade avaliar a atividade alimentar dos organismos do solo. O uso desta metodologia é ainda um fator de inovação no estudo da biologia do solo no Brasil. Considerando-se que a atividade dos organismos edáficos afeta a capacidade produtiva dos solos agrícolas, este trabalho tem como objetivo geral estudar a atividade alimentar da fauna do solo em áreas com plantas forrageiras submetidas a diferentes tipos de adubação, com o uso de bait-lamina. O estudo será realizado em Três Passos/RS, em duas épocas (outono e verão), em áreas com o cultivo das plantas forrageiras de Jiggs e Amendoim forrageiro implantadas de forma solteira ou consorciadas e conduzidas com diferentes tipos de adubação. Será analisada a atividade alimentar dos organismos do solo através do uso de bait-lamina. A metodologia consiste no uso de lâminas de PVC (cloreto polivinil) com 16cm de comprimento e 16 orifícios, preenchidas com um substrato padrão e expostas à atividade de decomposição biológica. Serão instalado 3 grupos de base com 16 bait-lamina, em 1m2 de cada repetição de cada tratamento. As bait-lamina permanecerão no solo pelo período de 40 dias, sendo após, coletadas e analisadas com base no consumo do substrato em cada orifício. Pretende-se assim, estabelecer possíveis relações entre a atividade alimentar da fauna do solo, a qualidade do solo e das pastagens produzidas em diferentes sistemas de manejo.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Eduardo Lorensi de Souza - Integrante / Divanilde Guerra - Integrante / Danni Maisa da Silva - Coordenador / Márlon de Castro Vasconcelos - Integrante / Ramiro Pereira Bisognin - Integrante / Natane Thaís Simon - Integrante / Bárbara Estevão Clasen - Integrante / Renan Bianchetto - Integrante / Julio Cesar Grazel Cezimbra - Integrante / Daniel Erison Fontanive - Integrante / CASSIANO PEIXOTO ROSA - Integrante / Fernando Almeida Santos - Integrante / Douglas Wegner Kunz - Integrante.

  • 2018 - Atual

    AVALIAÇÃO DE FUNGICIDAS BIOLÓGICOS PARA O CONTROLE DE FERRUGEM ASIÁTICA (Phakopsora pachyrhizi) EM SOJA NO SUL DO BRASIL, Descrição: A soja é considerada uma fonte de proteína e óleo de boa qualidade e baixo custo e está entre as culturas mais importantes no mundo em função de seu alto valor socioeconômico. A oleaginosa possui grande importância econômica para o país, pois a soja é o carro chefe do agronegócio Brasileiro, porém, toda safra, apresenta em média um prejuízo de 2 bilhões de dólares relacionado a gastos com fungicidas e redução de produtividade. No decorrer dos anos as moléculas usadas no controle de doenças como ferrugem vem perdendo eficiência e, por isso, alternativas como o controle biológico devem ser testados para que se tenha agricultura competitiva e sustentável, com baixo custo. Nesse contexto, o objetivo do presente trabalho é avaliar o desempenho de diferentes programas de controle biológico para a ferrugem asiática na cultura de soja no Sul do Brasil. Os tratamentos são formados por duas épocas de aplicações separadas 7 dias de início entre si, três produtos biológicos e um químico. Os tratamentos são: T1: Controle (sem aplicação de fungicidas); T2: Testemunha (controle químico, Protioconazole e Trifloxistrobina); T3: Fungicida biológico à base de Bacillus subtilis concentração: 1x109; T4: Fungicida biológico à base de Bacillus subtilis 2x109 UFC/mL; T5: Fungicida biológico à base de Trichoderma harzianum cepa simbi-T5; T6: Fungicida biológico à base de Bacillus subtilis concentração: 1x109 + controle químico, Protioconazole e Trifloxistrobina; T7: Fungicida biológico à base de Bacillus subtilis 2x109 UFC/mL + controle químico; T8: Fungicida biológico à base de Trichoderma harzianum cepa simbi-T5 + controle químico, Protioconazole e Trifloxistrobina. Cada um desses tratamentos terá parcelas com as duas épocas de aplicação distintas. O delineamento é de blocos ao acaso com quatro repetições. As parcelas de cada tratamento foram delimitadas em tamanho de 2,70 x 3,5 metros (9,45 m2), com 07 linhas de soja espaçadas 0,45 m entre si. As avaliações que serão realizadas são as seguintes: incidência de ataque da ferrugem, número de pústulas nas folhas, biomassa verde, matéria seca da planta, produtividade e peso de mil grãos. Espera-se que os tratamentos biológicos apresentam resultados equivalentes ou superiores aos tratamentos químicos.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (6) . , Integrantes: Eduardo Lorensi de Souza - Coordenador / Maiara Figueiredo Ramires - Integrante / Divanilde Guerra - Integrante / Danni Maisa da Silva - Integrante / Ramiro Pereira Bisognin - Integrante / Bárbara Estevão Clasen - Integrante / Renan Bianchetto - Integrante / Julio Cesar Grazel Cezimbra - Integrante / Daniel Erison Fontanive - Integrante / GIAN FRANCISCO BARCELLOS BESTER - Integrante / LUIZ EMILIO NUNES CARPES FILHO - Integrante., Financiador(es): Universidade Estadual do Rio Grande do Sul - Bolsa.

  • 2018 - Atual

    Avaliação do uso de rizobactérias associadas com pó de rocha de basalto na produtividade de culturas comerciais em LatossoloAvaliação do uso de rizobactérias associadas com pó de rocha de basalto na produtividade de culturas comerciais em Latossolo, Descrição: Dentre os microrganismos benéficos, as rizobactérias promotoras de crescimento de plantas (RPCPs), podem ser simbiontes ou saprófitas de vida livre. Recentemente, esses microrganismos têm sido apontados como essenciais ao ecossistema de plantas em relação ao suprimento de elementos de crescimento como nitrogênio e fósforo. Ainda, dentre os insumos alternativos de produção, o uso de pó de rocha de basalto tem chamado notável atenção como alternativa aos fertilizantes minerais solúveis. No entanto, são praticamente inexistentes trabalhos, que estudam a associação de RPCPs com pó de rocha de basalto. Assim, o presente projeto tem por objetivo avaliar doses de pó de rocha de basalto, associado com RPCPs, na produtividade de culturas agrícolas em Latossolo.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Eduardo Lorensi de Souza - Integrante / Sandro josé Giacomini - Integrante / MARCIEL REDIN - Coordenador / Divanilde Guerra - Integrante / Danni Maisa da Silva - Integrante / Marta Sandra Drescher - Integrante / Bárbara Estevão Clasen - Integrante / Eduardo Canepelle - Integrante / Mastrangello Enivar Lanzanova - Integrante.

  • 2018 - Atual

    Comunidade de invertebrados do solo em serapilheira de fragmentos florestais no Noroeste do Rio Grande do Sul, Descrição: Este projeto de pesquisa objetiva avaliar a comunidade de macrofauna de invertebrados do solo associada à serrapilheira em fragmentos florestais na região noroeste do estado do RS. Esta comunidade exerce um importante papel ecológico ao fragmentar a serrapilheira facilitando assim, a ação de fungos e bactérias no processo de mineralização. Desta forma, os nutrientes contidos nos restos orgânicos da serrapilheira são disponibilizados para solo sendo incorporado pelas plantas ou lixiviados para outros locais. Entender o papel dessa comunidade em fragmentos florestais é importante pois podemos utilizá-los na produção agroecológica de alimentos, diminuindo assim o aporte de insumos ao sistema. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Eduardo Lorensi de Souza - Integrante / Danni Maisa da Silva - Integrante / Márlon de Castro Vasconcelos - Coordenador.

  • 2017 - Atual

    AVALIAÇÃO DA INCIDÊNCIA DE DIATRAEA SACCHARALIS FABR. EM CULTIVARES DE CANA-DE-AÇÚCAR NA REGIÃO NOROESTE DO RIO GRANDE DO SUL, Descrição: A cana de açúcar é uma cultura de grande importância no Brasil, porém no Rio Grande do Sul esta apresenta baixa produtividade, devido ao reduzido número de cultivares selecionadas para as condições de cada local e a falta de manejo adequado, além do desconhecimento da severidade ao ataque de algumas pragas, como a broca da cana (Diatraea saccharalis Fabr). Desta forma o objetivo do presente trabalho é avaliar a produção de quatro variedades de cana e avaliar a incidência de Diatraea saccharalis que acomete a cultura na região. As avaliações consistirão na análise da produção total e incidência da broca da cana nas variedades em análise.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Eduardo Lorensi de Souza - Integrante / MARCIEL REDIN - Integrante / Robson Evaldo Gehlen Bohrer - Integrante / Divanilde Guerra - Coordenador / Danni Maisa da Silva - Integrante / Márlon de Castro Vasconcelos - Integrante / Mastrangello Enivar Lanzanova - Integrante.

  • 2017 - Atual

    Produção de Biodiesel e Etanol Celulósico a Partir de Sementes e Palha do Nabo Forrageiro, Descrição: A biorrefinaria pode ser definida como um conjunto de processos e equipamentos capazes de produzir bioprodutos e bioenergia através de uma fonte renovável e sustentável dando uma destinação nobre aos resíduos gerados por atividades indústrias, destacando-se a biomassa lignocelulósica. No entanto, existem vários desafios envolvidos para tornar a biorrefinaria viável, como meios de alcançar a máxima eficiência em processos, expansão da integração de plataformas de conversão, bem como o fato de que a composição da biomassa lignocelulósica varia entre as espécies. O nabo forrageiro (Raphanus sativus L.) faz parte do grupo de oleaginosas pertencente à família Brassicaceae, sendo muito cultivado nas regiões sul e centro-oeste do Brasil. É uma planta extremamente resistente a pragas e doenças. O nabo forrageiro possui ácido erúcico na composição do óleo presentes nas sementes o que acarretaria a inibição da planta como cultura alimentícia, tornando o uso do óleo apropriado para a produção de biodiesel, uma vez que, diferentemente da soja, a planta não seria empregada para consumo humano. Além disso, o volume de biomassa (palha) produzida é extremamente significativo, podendo chegar até 60 toneladas por hectare. Assim, a utilização do nabo forrageiro em processos de biorrefinaria torna-se uma alternativa a ser avaliada, considerando que atualmente o nabo forrageiro é utilizado apenas para a adubação verde e descompactação do solo. Nesse contexto, o objetivo do principal da presente proposta é avaliar o potencial do óleo de sementes de nabo forrageiro para produção de biodiesel, assim como, a produção de etanol celulósico a partir da sua palha.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Eduardo Lorensi de Souza - Integrante / Robson Evaldo Gehlen Bohrer - Integrante / Fernando Almeida Santos - Coordenador / Louise Marianne de Matos Brasil - Integrante / Leandro Gomes - Integrante / Nei Marçal - Integrante / Fabiano Simões - Integrante / Fernanda Cabral Borges - Integrante.

  • 2017 - Atual

    Doses de pó de rocha de basalto associado com dejetos de animais como fertilizante alternativo em culturas comerciais em Latossolo, Descrição: Atualmente, existe uma grande demanda por pesquisas que dão prioridade a produção agrícola de modelo sustentável, como por exemplo, com o uso de insumos naturais e sustentáveis. Nesse contexto, surge o pó de rocha de basalto e os dejetos de animais como alternativas aos fertilizantes minerais solúveis. Assim, o objetivo do projeto é avaliar doses de pó de rocha de basalto, associado com dejetos de animais, na produtividade de culturas de grãos em Latossolo. Com o presente projeto espera-se contribuir para o melhor entendimento do uso de pó de rocha de basalto, associado com dejetos de animais, como fertilizante natural, produção de alimentos saudáveis e, principalmente com valorização do meio ambiente.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Eduardo Lorensi de Souza - Integrante / MARCIEL REDIN - Coordenador / Robson Evaldo Gehlen Bohrer - Integrante / Divanilde Guerra - Integrante / Danni Maisa da Silva - Integrante / Marta Sandra Drescher - Integrante / Bárbara Estevão Clasen - Integrante / Eduardo Canepelle - Integrante / Mastrangello Enivar Lanzanova - Integrante / Jéssica Tais Kerkhoff - Integrante / Darlan Weber da Silva - Integrante / haniel Carlson Writzl - Integrante / Jackson Eduardo Schmitt Stein - Integrante.

  • 2017 - Atual

    PRODUTIVIDADE DE PASTAGENS SOLTEIRAS E CONSORCIADAS DE CYNODON DACTYLON E ARACHIS PINTOI CONDUZIDAS COM DIFERENTES TIPOS DE ADUBAÇÃO NA REGIÃO NOROESTE DO RIO GRANDE DO SUL, Descrição: No Brasil, a atividade leiteira é praticada em todas as regiões, com destaque para a produção de leite a pasto, porém em muitos casos as cultivares utilizadas não são avaliadas quanto ao rendimento e com relação a sua reposta em termos de produção de matéria seca quando submetidas a diversos tipos de adubação. Desta forma o objetivo do presente trabalho e avaliar a produção de matéria verde e matéria seca de uma gramínea (C. dactylon) e uma leguminosa (Arachis pintoi) quando conduzidas de forma solteira e consorciadas e conduzidas com diferentes tipos de adubação na Região Noroeste do Rio Grande do Sul.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Eduardo Lorensi de Souza - Integrante / MARCIEL REDIN - Integrante / Robson Evaldo Gehlen Bohrer - Integrante / Divanilde Guerra - Coordenador / Danni Maisa da Silva - Integrante.

  • 2016 - Atual

    AVALIAÇÃO DA INCIDÊNCIA DE PRAGAS E DOENÇAS EM CANA-DE-AÇÚCAR NA REGIÃO NOROESTE DO RIO GRANDE DO SUL, Descrição: A Região Noroeste do Rio Grande Sul apresenta forte presença de estruturas fundiárias de pequenas unidades de produção familiar nas quais a cana-de-açúcar é utilizada para o fornecimento de matéria prima para as agroindústrias (melado, açúcar mascavo e cachaça), como para a alimentação animal. Na região, variedades de cana de açúcar foram avaliadas quanto a produtividade, porém estas não foram avaliadas quanto a incidência de pragas e doenças, as quais, podem provocar importantes prejuízos, com reduções significativas na produtividade desta forma. Portanto, o desenvolvimento de pesquisas com estas cultivares com relação a incidência de pragas e doenças são fundamentais para o sucesso da cultura em sistemas produtivos de agricultura familiar na região.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Eduardo Lorensi de Souza - Integrante / REDIN, MARCIEL - Integrante / Robson Evaldo Gehlen Bohrer - Integrante / Divanilde Guerra - Coordenador / Danni Maisa da Silva - Integrante / Mastrângello Enivar Lanzanova - Integrante / Márlon de Castro Vasconcelos - Integrante / Ramiro Pereira Bisognin - Integrante / Fernanda Hart Weber - Integrante / Bárbara Estevão Clasen - Integrante.

  • 2016 - Atual

    CANA-DE-AÇÚCAR: POTENCIALIDADES E ADEQUAÇÃO À REGIÃO NOROESTE DO RIO GRANDE DO SUL, Descrição: A cana de açúcar (Saccharum spp) foi uma das primeiras culturas introduzidas no Brasil e se adaptou muito bem as condições locais. Atualmente o país é o maior produtor mundial, com aproximadamente 9,9 milhões de hectares plantados, com produtividade média de 72,6 Kg ha-1. Para a produção de cana de açúcar, os sistemas de produção adotados no Brasil podem ser caracterizados em dois tipos de organização: a grande lavoura voltada para a produção e exportação do açúcar, com o uso extensivo da terra e da mão-de-obra, representando muito no volume de produção; e a pequena lavoura, empregando mão-de-obra em reduzida escala, voltada para a subsistência ou para o pequeno mercado regional ou local. No Rio Grande do Sul, a produção de cana de açúcar apesar de não ter grande impacto na produção nacional, tem significativa importância e de maneira tradicional no segundo tipo de organização, ou seja, em pequenas propriedades agrícolas, relacionada à criação de gado e ao processamento artesanal de subprodutos. A Região Noroeste do Rio Grande Sul apresenta forte presença de estruturas fundiárias de pequenas unidades de produção familiar, nas quais a cana é utilizada para diversas finalidades. Desta forma, a cana de açúcar tem despertado um grande interesse nos agricultores, tanto para o fornecimento de matéria prima para as agroindústrias (melado, açúcar mascavo e cachaça), como para a alimentação animal o que demanda pesquisas com novas cultivares e técnicas de manejo fundamentais para o sucesso da produção em sistemas produtivos de agricultura familiar.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Eduardo Lorensi de Souza - Integrante / Robson Evaldo Gehlen Bohrer - Integrante / Divanilde Guerra - Coordenador / Danni Maisa da Silva - Integrante / Mastrângello Enivar Lanzanova - Integrante / Márlon de Castro Vasconcelos - Integrante / Ramiro Pereira Bisognin - Integrante / Fernanda Hart Weber - Integrante / Marciel Redin - Integrante / Bárbara Estevão Clasen - Integrante.

  • 2016 - Atual

    CULTIVO DE EUCALIPTO COMO ALTERNATIVA DE RENDA NAS PRORIEDADES RURAIS DA REGIÃO CELEIRO ? RS, Descrição: Com a modernização da agricultura, e com o surgimento da cultura da soja na região celeiro, as propriedades começaram a aumentar o nível tecnológico, e consequentemente aumentar a produção, gerando excedentes e renda no meio rural. O uso de madeira faz parte da rotina das propriedades rurais da região, porém, o desmatamento foi alcançando níveis cada vez maiores, e ao mesmo tempo a legislação ambiental foi e é cada vez mais restritiva ao uso de madeira nativa, fazendo com que se iniciasse a produção de madeira através de cultivos exóticos na região, e o eucalipto assumiu essa função como principal espécie adaptada. Adaptação, custo de produção e facilidade de aquisição de mudas, aliada ao bom desempenho das árvores, fizeram com que a espécie eucalipto se tornasse a principal alternativa de produção de madeira nas propriedades rurais da região. O seu cultivo porém, sempre foi destinado nas áreas onde não era possível fazer lavoura mecanizada, ou seja, em áreas marginais. Também, pouco ou nenhum cuidado é dispensado em relação as recomendações técnicas de cultivo referentes ao espaçamento entre plantas e população final de plantas por hectare. Considerando a carência de oferta de madeira na região, a possibilidade de cultivo em áreas não mecanizáveis, o rápido crescimento das árvores, a grande oferta de mudas de qualidade na região, o baixo custo de produção e o elevado valor agregado por hectare, o cultivo de eucalipto em pequenas propriedades é uma excelente alternativa de renda e diversificação de atividades para os produtores. Nesse contexto surge o objetivo da presente proposta de pesquisa, que é estudar a viabilidade do cultivo de eucalipto cultivar moveleiro e a utilização de fertilizantes alternativos, como substituto de fertilizantes comerciais, a fim de proporcionar diversificação de fonte de renda no meio rural, e ao mesmo tempo difundir o sistema de transição agroecológica na produção de eucaliptos. Os principais resultados esperados são: contribuir significativamente para o melhor entendimento do uso de fertilizantes naturais para produção de eucalipto moveleiro no atual processo de transição da exploração florestal tradicional para um modelo sustentável e valorização do meio ambiente; e ainda, auxiliar na tomada de decisão quanto ao espaçamento entre linhas das plantas de eucalipto moveleiro e na utilização de pó de rochas (separado ou misturado com fertilizante orgânico - cama de perú) como um insumo alternativo a fim de maximizar a produtividade e renda na propriedade rural.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Eduardo Lorensi de Souza - Integrante / MARCIEL REDIN - Integrante / Robson Evaldo Gehlen Bohrer - Integrante / Divanilde Guerra - Integrante / Danni Maisa da Silva - Integrante / Mastrângello Enivar Lanzanova - Coordenador / Marta Sandra Drescher - Integrante / Bárbara Estevão Clasen - Integrante.

  • 2016 - Atual

    FAUNA EDÁFICA EM SISTEMAS DE CULTIVO DE PLANTAS FORRAGEIRAS NA REGIÃO NOROESTE DO RIO GRANDE DO SUL, Descrição: O uso de dejetos líquidos de suínos na adubação das pastagens na atividade leiteira é uma prática comum em propriedades rurais da Região Noroeste do Rio Grande do Sul (RS). Embora o uso dos dejetos possa contribuir para a melhoria das condições químicas do solo, existem riscos associados ao processo. Considerando-se que a fauna edáfica é sensível aos diferentes de manejo do solo, os organismos edáficos podem ser utilizados indicadores de qualidade do solo. Este trabalho teve por objetivo estudar a composição da fauna edáfica em áreas com plantas forrageiras submetidas a diferentes tipos de adubação na Região Noroeste do Estado do RS. O estudo será realizado em Três Passos/RS, em duas épocas de coleta (inverno e verão), em áreas com o cultivo das plantas forrageiras de Jiggs e Amendoim forrageiro implantadas de forma solteira ou consorciadas e conduzidas com diferentes tipos de adubação. Será analisada a quantidade e a diversidade dos organismos do solo através do uso do método PROVID, bem como o monitoramento das condições físicas e químicas do solo e suas relações com a qualidade do solo.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Eduardo Lorensi de Souza - Integrante / MARCIEL REDIN - Integrante / Robson Evaldo Gehlen Bohrer - Integrante / Divanilde Guerra - Integrante / Danni Maisa da Silva - Coordenador / Mastrângello Enivar Lanzanova - Integrante.

  • 2016 - Atual

    AVALIAÇÃO DE ADUBOS VERDES DE INVERNO E VERÃO UTILIZADOS EM SISTEMAS DE PRODUÇÃO CARACTERÍSTICOS DA REGIÃO CELEIRO DO RS, Descrição: A região noroeste é uma das maiores produtoras de grãos e leite do Estado do Rio Grande do Sul. A diversificação das atividades de uma propriedade, introduzindo um sistema que gere renda no período invernal é de fundamental importância para garantir e manter a sustentabilidade da atividade agropecuária. Os sistemas de culturas então praticados, de maneira geral em toda a região noroeste, se caracterizam pela monocultura de soja no ciclo de verão, com a cultura do milho em segundo lugar. No ciclo de inverno, a cultura do trigo predomina na maior parte da área cultivada. Boa parte das áreas cultivadas no verão não recebe cultivo no inverno, permanecendo assim por alguns meses em pousio. Adubos verdes como a aveia preta, que apresenta um rápido crescimento inicial e permite altos rendimentos forrageiros, e o azevém, que possui um ciclo mais tardio, tem maior facilidade de ressemeadura natural, resistência a doenças, e bom potencial de produção de sementes e versatilidade no uso em consorciações, são excelentes alternativas para cultivo nos sistemas de produção. Nesse contexto, para o bom funcionamento dos sistemas de produção utilizados na região, práticas como a rotação de culturas, e o uso de adubos verdes de inverno e verão, promotores da melhoria das propriedades e da qualidade do solo, devem ser pesquisados e validados através de experimentos a campo. Assim, o objetivo do presente projete é avaliar a adaptação e produção de diferentes espécies de plantas de ciclo de inverno e verão consideradas adubos verdes, nas condições de clima e solo da região celeiro do RS, e seu respectivo potencial de produção animal (carne e leite) e impactos nos atributos de qualidade do solo. O sucesso do investimento realizado na instalação de adubos verdes, ou pastagens cultivadas, está intimamente relacionado com a escolha de espécies forrageiras de elevada produção e qualidade de matéria seca, com o manejo realizado (freqüência e pressão de pastejo) e com o uso de animais de alto potencial de resposta. Os principais resultados esperados no projeto são: Promover a utilização de espécies de adubos verdes e forrageiras de elevada produtividade vegetal, com elevada qualidade nutricional, na região Celeiro do RS. Para verificação de tal fato, entrevistas com produtores rurais serão realizadas após a divulgação dos resultados; Elaborar um boletim técnico demonstrando as culturas utilizadas e seu respectivo rendimento e potencial de utilização na região celeiro do RS; Determinar o custo de produção e a relação custo/benefício da utilização de diferentes espécies de adubos verdes e forrageiras de inverno, sob sistema plantio direto, na região celeiro do RS; Estimar e comparar o potencial de produção animal (ganho de peso vivo para bovinos de corte e produção de leite para bovinos leiteiros) em animais submetidos às diferentes espécies forrageiras utilizadas no experimento; Divulgar os resultados obtidos através da realização de dia de campo sobre culturas de inverno e verão na unidade da Uergs em Três Passos; Apresentar os trabalhos em congressos e eventos da área agropecuária, assim como publicar artigos científicos em periódicos reconhecidos.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Eduardo Lorensi de Souza - Integrante / MARCIEL REDIN - Integrante / Divanilde Guerra - Integrante / Danni Maisa da Silva - Integrante / Mastrângello Enivar Lanzanova - Coordenador.

  • 2016 - Atual

    RESPOSTAS TOXICOLÓGICAS EM MINHOCAS Eisenia andrei EXPOSTAS AO COBRE, Descrição: O uso indiscriminado de insumos agrícolas pode causar a poluição dos solos, comprometendo a flora, fauna e as relações ecológicas. Dentre estes compostos químicos utilizados na agricultura, destaca-se a calda bordalesa. Sua intensa utilização resulta em uma adição considerável de cobre ao solo, podendo causar danos aos organismos expostos. O impacto dos compostos químicos sobre o ambiente pode ser avaliado através de testes ecotoxicológicos, que preveem a toxicidade de uma substância através da resposta do organismo exposto. Uma abordagem sensível para avaliar essa toxicidade será feita através da utilização de biomarcadores, que são avaliações bioquímicas no organismo, úteis como alertas precoces de exposição ao contaminante. O objetivo deste trabalho será analisar os efeitos da exposição de Eisenia andrei, por um período de 3, 7, 14 e 21 dias, as diferentes doses de cobre ( 0, 35, 70, 105, 140 e 175 mg.Kg-1), a nível enzimático antioxidante, catalase (CAT) e glutationa S-transferase (GST), biomarcadores de neurotransmissão como a acetil-colinesterase (AChE) e na peroxidação lipídica através dos níveis de malondialdeído (MDA). Com a determinação destes parâmetros poderemos compreender se doses de cobre mesmo em concentrações permitidas estabelecidas pelo CONAMA causam algum tipo de efeito prejudicial sobre as minhocas e assim poder inferir sobre as atuais maneiras de avaliação de contaminação do solo propostas pelos órgãos ambientais no Brasil.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Eduardo Lorensi de Souza - Integrante / MARCIEL REDIN - Integrante / Zaida Ines Antoniolli - Integrante / Danni Maisa da Silva - Integrante / Mastrângello Enivar Lanzanova - Integrante / Bárbara Estevão Clasen - Coordenador / Vania Lucia Loro - Integrante / Talita Ferreira - Integrante / João Paulo Arboit - Integrante / Camila Alves Carvalho - Integrante / Guilherme Gabriel - Integrante.

  • 2016 - Atual

    Uso do pó de basalto na produção de milho pipoca crioulo na Região Noroeste do RS, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Marciel Redin em 04/05/2016., Descrição: Atualmente, existe uma grande preocupação e demanda da sociedade por pesquisas dentro de propostas que dão prioridade a produção agrícola de modelo sustentável baseadas no manejo ecológico do solo através de práticas agrícolas adequadas e uso de insumos produtivos naturais. Nesse contexto, surge o pó de basalto entre os insumos alternativos naturais em substituição aos fertilizantes minerais solúveis. Assim, o presente projeto tem por objetivo avaliar a eficiência do pó de basalto na produtividade do milho pipoca crioulo em sistema de transição agroecológica na Região Noroeste do RS. Com o presente projeto espera-se contribuir significativamente para o melhor entendimento do uso de pó de basalto como fertilizante natural para produção de alimentos no atual processo de transição da agricultura tradicional para um modelo de agricultura sustentável e valorização do meio ambiente.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Eduardo Lorensi de Souza - Integrante / Celso Aita - Integrante / Sandro josé Giacomini - Integrante / MARCIEL REDIN - Coordenador / GUSTAVO BRUNETTO - Integrante / Divanilde Guerra - Integrante / Danni Maisa da Silva - Integrante / Mastrângello Enivar Lanzanova - Integrante / Fernanda Hart Weber - Integrante / Jeorge Schwendler dos Santos - Integrante / Mario Antônio Coelho da Silva - Integrante.

  • 2016 - Atual

    Influência do extrato pirolenhoso no desenvolvimento e crescimento inicial de plantas de feijão e milho crioulo, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Marciel Redin em 04/05/2016., Descrição: O iminente esgotamento dos recursos naturais e o impacto sobre o entorno ambiental causados pelo atual modelo produtivo agrícola, especialmente implantado após o processo da revolução verde, nos mostram, de forma cada vez mais clara, os limites naturais ao crescimento econômico ilimitado. Nesse sentido, torna-se crucial o estímulo à pesquisa científica de propostas de produção agrícola de modelo sustentável com uso de sementes crioulas e insumos alternativos ecológicos. Nesse contexto, surge o extrato pirolenhoso derivado da queima de madeira. Assim, o projeto de pesquisa tem por objetivo avaliar em condições de campo a influência de diferentes concentrações de extrato pirolenhoso aplicado no tratamento de sementes e no solo sobre a emergência e crescimento inicial de plantas de feijão e milho crioulo. O projeto, além de resgatar o uso de sementes crioulas deverá contribuir significativamente para o melhor entendimento do uso de extrato pirolenhoso como insumo alternativo natural e agroecológico na produção de alimentos no atual processo de transição da agricultura tradicional para um modelo de agricultura sustentável e valorização do meio ambiente. Por fim, aspira-se que a divulgação dos resultados obtidos permita iniciar uma nova perspectiva de produção de alimentos saudáveis, além de promover o desenvolvimento regional sustentável.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Eduardo Lorensi de Souza - Integrante / Celso Aita - Integrante / Sandro josé Giacomini - Integrante / MARCIEL REDIN - Coordenador / GUSTAVO BRUNETTO - Integrante / Divanilde Guerra - Integrante / Danni Maisa da Silva - Integrante / Mastrângello Enivar Lanzanova - Integrante / Marta Sandra Drescher - Integrante / Fernanda Hart Weber - Integrante / Bárbara Estevão Clasen - Integrante.

  • 2016 - Atual

    DIFUSÃO DE PRÁTICAS AGROECOLÓGICAS NA REGIÃO CELEIRO, Descrição: A Região Noroeste Colonial do Estado do Rio Grande do Sul caracteriza-se por ser uma região essencialmente agrícola e com um grande número de pequenos estabelecimentos rurais, nos quais, grande diversidade de espécies é conduzida em pomares e hortas domésticas. Contudo, em muitas destas, os defensivos agrícolas são utilizados objetivando eliminar pragas e doenças que acometem as culturas, principalmente quando estas se encontram em estágios finais de desenvolvimento, ou seja, próximas ao ponto de colheita o que pode levar a uma ingestão de alimentos contendo elevadas doses de produtos químicos. Desta forma, práticas agroecológicas de produção vêm se tornando uma alternativa para a produção de alimentos mais saudáveis, através da utilização de biofertilizantes líquidos, caldas alternativas, adubação com estercos e compostos orgânicos, produtos estes que podem ser obtidos em sua grande maioria pelo próprio agricultor e podem resultar em um composto com menor valor energético, mas mais saudáveis, e assim manter a conservação do meio ambiente e da saúde dos agricultores. Portanto, a difusão da agroecologia, através de sistemas de produção com base ecológica é muito importante para garantir a segurança e soberania alimentar. Sendo assim a difusão de propostas agroecológicas, fundamentadas em um modelo de agricultura sustentável, ecológica e rentável financeiramente, que tem como base práticas agroecológicas do solo e das plantas, são fundamentais e garantem a produção de alimentos de qualidade e livres de residuais químicos.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Eduardo Lorensi de Souza - Integrante / MARCIEL REDIN - Integrante / Robson Evaldo Gehlen Bohrer - Integrante / Divanilde Guerra - Coordenador / Danni Maisa da Silva - Integrante / Mastrângello Enivar Lanzanova - Integrante / Márlon de Castro Vasconcelos - Integrante / Ramiro Pereira Bisognin - Integrante.

  • 2016 - Atual

    UTILIZAÇÃO DE PÓ DE ROCHA EM SUBSTITUIÇÃO À ADUBAÇÃO MINERAL TRADICIONAL NA CULTURA DA SOJA EM SISTEMA EM PLANTIO DIRETO NO SUL DO BRASIL, Descrição: O Brasil é o segundo maior produtor de soja no mundo, sendo também o quarto maior consumidor de fertilizantes NPK do mundo. Sabendo que nesse cenário o Brasil possui poucas reservas de fertilizantes e importa a maioria deles e, além disso, as reservas tem um tempo limitado de utilização, torna-se necessário e estratégico o estudo de fontes alternativas de fertilização para as culturas, em especial a soja que predomina nas áreas agrícolas do Brasil. Uma alternativa é a utilização de pó de rocha como fornecedor de nutrientes para as culturas e remineralizador de solo, que pode suprir as necessidades das plantas e utilizar fontes nacionais (rochas) para atender a demanda cada vez crescente de fertilizantes. Nesse contexto, o objetivo desse estudo é avaliar o uso do pó de rocha como substituto para a adubação mineral tradicional na cultura da soja no noroeste do estado do Rio Grande do Sul, em sistema de plantio direto. Para isso, serão testadas 6 doses de pó de rocha, combinadas ou não com fertilizantes organomineral para formação dos tratamentos a serem avaliados, além de um tratamento testemunha conforme segue: T1: Controle: sem adição de fertilizantes; T2: Testemunha: NPK tradicional; T3: Composto de Rocha COOPERBIO/FIDA ? 1 ton/ha; T4: Composto de Rocha COOPERBIO/FIDA ? 2 ton/ha; T5: Composto de Rocha COOPERBIO/FIDA ? 3 ton/ha (recomendação do manual); T6: Composto de Rocha COOPERBIO/FIDA ? 4 ton/ha; T7: Composto de Rocha COOPERBIO/FIDA ? 5 ton/ha; T8: Composto de Rocha COOPERBIO/FIDA ? 1 ton/ha + 0,5 ton adubo orgân FERTICEL; T9: Composto de Rocha COOPERBIO/FIDA ? 2 ton/ha + 0,5 ton adubo orgân FERTICEL; T10: Composto de Rocha COOPERBIO/FIDA ? 3 ton/ha + 0,5 ton adubo orgân FERTICEL; T11: Composto de Rocha COOPERBIO/FIDA ? 4 ton/ha + 0,5 ton adubo orgân FERTICEL e; T12: Composto de Rocha COOPERBIO/FIDA ? 5 ton/ha + 0,5 ton adubo orgân FERTICEL. Serão avaliadas: a massa fresca e biomassa de plantas; a massa seca de plantas; o número de legumes por planta, o número de grãos por legume, o peso de 1000 grãos; a produtividade da cultura da soja; identificadas as doses de pó de rocha mais responsivas para a produtividade da cultura da soja; comparadas as produtividades entre a soja produzida em sistema com adubação tradicional e com adubação à base de pó de rocha e será realizado o acompanhamento da evolução da fertilidade do solo e atributos químicos e físicos em médio prazo da utilização do pó de rocha em diferentes doses.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Eduardo Lorensi de Souza - Coordenador / Renan Bianchetto - Integrante / Julio Cesar Grazel Cezimbra - Integrante / Angelo Munaretto Krinski - Integrante / Daniel Erison Fontanive - Integrante., Financiador(es): Universidade Estadual do Rio Grande do Sul - Bolsa.

  • 2015 - 2018

    ADAPTABILIDADE DE GENÓTIPOS DE MILHO CRIOULO NA REGIÃO NOROESTE DO RIO GRANDE DO SUL, Descrição: o presente trabalho busca resgatar a importância e a difusão dos genótipos de milho crioulo como forma de produção de alimentação animal e humana na pequena propriedade, além de diminuir a dependência de parte dos recursos externos e reduzir os custos de produção na propriedade. Em síntese, a presente proposta de pesquisa busca difundir e estudar a adaptabilidade de genótipos de milho crioula na região Noroeste do RS. Além disso, através da presente proposta busca-se promover uma forma sustentável de produção agrícola, pois com a produção de milho crioulo nas pequenas propriedades, normalmente descapitalizadas, é possível promover a não dependência da propriedade rural por sementes externas de alto custo de aquisição, garantindo assim a soberania alimentar e de sementes desses povos rurais. O objetivo desse projeto é avaliar a adaptação e produtividade de genótipos de milho crioulo na região Noroeste do Rio Grande do Sul.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Eduardo Lorensi de Souza - Coordenador / Maiara Figueiredo Ramires - Integrante / Zaida Ines Antoniolli - Integrante / Divanilde Guerra - Integrante / Jeorge Schwendler dos Santos - Integrante / Renan Bianchetto - Integrante / Julio Cesar Grazel Cezimbra - Integrante / Angelo Munaretto Krinski - Integrante / Daniel Erison Fontanive - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Universidade Estadual do Rio Grande do Sul - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul - Bolsa.

  • 2015 - 2018

    COMPOSTAGEM DE RESÍDUOS DE ABATEDOUROS DE SUÍNOS E PRODUÇÃO DE MILHO NA REGIÃO NOROESTE DO RIO GRANDE DO SUL, Descrição: a presente proposta de pesquisa busca estudar alternativas para utilização dos resíduos gerados nos abatedouros de suínos na região Noroeste do RS como adubação orgânica na agricultura. Além disso, através da presente proposta busca-se promover uma forma sustentável de produção agrícola, pois promove uma melhor ciclagem de nutrientes, diminuição dos custos de produção pela menor dependência de insumos externos, e principalmente a valorização do meio ambiente pela menor contaminação do solo, ar e água. O objetivo desse trabalho é avaliar o potencial fertilizante do material orgânico compostado oriundo de abatedouro de suínos sobre a produção de milho.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Eduardo Lorensi de Souza - Coordenador / Maiara Figueiredo Ramires - Integrante / Zaida Ines Antoniolli - Integrante / Divanilde Guerra - Integrante / Danni Maisa da Silva - Integrante / Mastrângello Enivar Lanzanova - Integrante / Jeorge Schwendler dos Santos - Integrante / Renan Bianchetto - Integrante / Julio Cesar Grazel Cezimbra - Integrante / Angelo Munaretto Krinski - Integrante / Daniel Erison Fontanive - Integrante., Financiador(es): Universidade Estadual do Rio Grande do Sul - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul - Bolsa.

  • 2015 - Atual

    Levantamento das características de espécies arbóreos e arbustivos do município de Três Passos - RS, Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Eduardo Lorensi de Souza - Integrante / Robson Evaldo Gehlen Bohrer - Integrante / Divanilde Guerra - Integrante / Danni Maisa da Silva - Integrante / Mastrângello Enivar Lanzanova - Integrante / Márlon de Castro Vasconcelos - Coordenador / Ramiro Pereira Bisognin - Integrante.

  • 2015 - Atual

    Uso de pó de rocha como fertilizante alternativa na produção de eucalipto, Descrição: O eucalipto é a principal alternativa de produção de madeira nas propriedades rurais. Porém, o cultivo sempre foi destinado nas áreas marginais. Também, pouco ou nenhum cuidado é dispensado em relação as recomendações técnicas de cultivo referentes ao espaçamento entre plantas e população final de plantas. A adubação, por ser considerado de custo elevado, muitas vezes é ignorada nesses cultivos, fazendo com que o rendimento não seja potencializado. Entretanto, nas últimas décadas está se ampliando as discussões sobre e modo de produção sustentável, como a busca de insumos alternativos naturais de adubação como o pó de rocha e aqueles provenientes de animais (cama de aves, dejetos suínos, entre outros). Assim, o objetivo do presente projeto é estudar a viabilidade do cultivo de eucalipto em diferentes espaçamentos com a utilização de pó de rocha como fertilizantes alternativo. Através do presente projeto busca-se avançar no conhecimento sobre a produção de eucalipto com uso de pó de rocha e auxiliar na tomada de decisão quanto ao espaçamento entre linhas das plantas de eucalipto.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Eduardo Lorensi de Souza - Integrante / MARCIEL REDIN - Coordenador / GUSTAVO BRUNETTO - Integrante / Zaida Ines Antoniolli - Integrante / Divanilde Guerra - Integrante / Danni Maisa da Silva - Integrante / Mastrângello Enivar Lanzanova - Integrante / Rodrigo Josemar Seminoti Jacques - Integrante / Marta Sandra Drescher - Integrante / Fernanda Hart Weber - Integrante / Bárbara Estevão Clasen - Integrante / Benjamin Dias Osório Filho - Integrante.

  • 2015 - Atual

    Produtividade de variedades de cana de açúcar conduzidas com diferentes tipos de adubação na região noroeste do RS, Descrição: O presente trabalho busca avaliar adubação alternativa a base de cama de frango, disponível na região noroeste do estado do Rio Grande do Sul, sobre o crescimento inicial e parâmetros de produtividade de variedades de cana de açúcar cultivadas em Latossolo.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Eduardo Lorensi de Souza - Integrante / Divanilde Guerra - Coordenador / Renan Bianchetto - Integrante / Daniel Erison Fontanive - Integrante.

  • 2015 - Atual

    Produção de cultivares de batata-doce consorciadas com milho pipoca crioulo em sistema de produção orgânica na Região Noroeste do RS, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Marciel Redin em 15/07/2015., Descrição: O iminente esgotamento dos recursos naturais e o impacto sobre o entorno ambiental causados pelo atual modelo produtivo agrícola, especialmente implantado após o processo da Revolução Verde, nos mostram, de forma cada vez mais clara, os limites naturais ao crescimento econômico ilimitado. É neste contexto, que se torna crucial o estímulo à pesquisa científica de propostas de produção agrícola de modelo sustentável que se baseiem no manejo ecológico do solo, através do uso de práticas que tornem o solo química e fisicamente equilibrado, biologicamente ativo e no desenvolvimento social. Nas pequenas propriedades rurais, de agricultura familiar como no Noroeste do RS, ainda são preservadas e utilizadas algumas técnicas de cultivo como os consórcios e espécies alternativas de produção como a batata-doce e cultivares de milho pipoca crioulo, porém utilizadas de forma cultural, rudimentar, e principalmente, cultivadas de forma convencional, com pouca preocupação com o meio ambiente. Assim, o projeto de pesquisa pretende avaliar o potencial e eficiência produtiva do consórcio de batata-doce com milho pipoca crioulo em sistema de produção orgânica com enfoque de agricultura sustentável e valorização do meio ambiente. Será avaliada a produtividade e valor nutricional do milho pipoca crioulo e batata-doce nos cultivos solteiros e consorciados. Além disso, será avaliada a fauna edáfica do solo, competição das plantas no consórcio e a eficiência produtiva dos sistemas solteiros e consorciados com batata-doce. Com o presente projeto espera-se resgatar e introduzir técnicas de cultivos alternativos de policulturas em consórcio dentro do enfoque agroecológico, sustentabilidade e preservação do meio ambiente. Por fim, iniciar uma nova perspectiva de produção e renda, e principalmente alimentação para a população regional do Noroeste do RS.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Eduardo Lorensi de Souza - Integrante / Celso Aita - Integrante / Sandro josé Giacomini - Integrante / MARCIEL REDIN - Coordenador / Zaida Ines Antoniolli - Integrante / Divanilde Guerra - Integrante / Danni Maisa da Silva - Integrante / Mastrângello Enivar Lanzanova - Integrante / Fernanda Hart Weber - Integrante / Jeorge Schwendler dos Santos - Integrante / Flávio da Silva Wolmnann - Integrante / Domenico Marcelo Rafaele - Integrante / Natane Thaís Simon - Integrante.

  • 2014 - Atual

    CARACTERIZAÇÃO DE ESPÉCIES FRUTÍFERAS DA FAMÍLIA MYRTACEAE., Descrição: O Brasil possui amplas dimensões continentais e se destaca pela diversidade de plantas distribuídas nos diferentes ecossistemas. O número representativo de espécies da flora brasileira constitui uma de suas grandes riquezas, sendo representada por muitas plantas frutíferas silvestres que apresentam grande potencial para o consumo e exploração comercial. A família Myrtaceae é uma das maiores famílias botânicas, agrupando cerca de 3600 espécies em aproximadamente 150 gêneros. As espécies frutíferas desta família podem ser cultivadas para a comercialização dos frutos para a alimentação humana, tanto para consumo in natura quanto para o processamento, principalmente no preparo de polpas, sucos, sorvetes, picolés, doces, licores e fermentados, visto que os frutos são ricos em ferro, cálcio, fósforo e vitamina A. Por isso estudos básicos para caracterizar acessos de espécies frutíferas da família Mirtácea são indispensáveis para identificar plantas que apresentem frutos com padrão de qualidade para a comercialização in natura e processamento.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Eduardo Lorensi de Souza - Integrante / Robson Evaldo Gehlen Bohrer - Integrante / Divanilde Guerra - Coordenador / Márlon de Castro Vasconcelos - Integrante / Ramiro Pereira Bisognin - Integrante.

  • 2013 - 2016

    Tecnologias aplicadas ao cultivo do arroz irrigado para uma agricultura de baixo carbono, Descrição: Descrição: O arroz é o segundo cereal mais cultivado no mundo, ocupando uma área de aproximadamente 158 milhões de hectares. No Brasil, a produção anual de arroz nas últimas safras variou entre 11 e 13 milhões de toneladas, sendo o Rio Grande do Sul (RS) o maior produtor nacional, com uma área de cultivo de aproximadamente 1,127 milhão de hectares com o uso de irrigação por alagamento. Embora o uso da irrigação por alagamento na lavoura de arroz do RS promova a obtenção de elevadas produtividades, ela tem sido apontada como uma atividade que apresenta elevado impacto ambiental, principalmente sobre os mananciais hídricos e o efeito estufa. O presente projeto visa avaliar novas tecnologias e estratégias que permitam uma produção sustentável de arroz irrigado no estado do RS: 1) Manejo da palha no período de entressafra da cultura do arroz irrigado; 2) Uso sustentável da água de irrigação em lavouras de arroz irrigado; e 3) Fixação biológica de nitrogênio (N) em cultivares de arroz irrigado. O projeto é composto por três estudos a serem realizados na UFSM. Espera-se que com os resultados obtidos desses estudos possa ser possível fazer uma recomendação de sistemas de cultivo de arroz irrigado de forma mais sustentável, com tecnologias e estratégias que permitam a produção de arroz em uma ABC nas áreas cultivadas no estado do RS.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (5) . , Integrantes: Eduardo Lorensi de Souza - Integrante / Sandro josé Giacomini - Coordenador / ENIO MARCHESAN - Integrante.

  • 2009 - 2012

    Biotransformações do carbono e do nitrogênio durante a decomposição de resíduos vegetais no solo: avaliação e modelização, Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Eduardo Lorensi de Souza - Integrante / Sandro josé Giacomini - Coordenador.

  • 2006 - 2006

    Associações ectomicorrízicas em essências florestais nativas do estado do Rio Grande do Sul, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Eduardo Lorensi de Souza - Integrante / Zaida Ines Antoniolli - Coordenador.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Prêmios

2019

Professor do corpo docente da Unidade da UERGS em Três Passos, que foi indicada ao Prêmio Folha Verde pela Assembléia Legislativa do estado do Rio Grande do Sul., Assembléia Legislativa do Rio Grande do Sul..

2019

Orientador do aluno de iniciação científica Daniel Erison Fontanive, indicado ao prêmio Jovem Pesquisador Gaúcho da FAPERGS., FAPERGS..

2019

Orientador do aluno de iniciação científica Renan Bianchetto, indicado ao prêmio Jovem Pesquisador Gaúcho da FAPERGS., FAPERGS.

2018

Orientador do aluno de iniciação científica Daniel Erison Fontanive, indicado ao prêmio Jovem Pesquisador Gaúcho da FAPERGS., FAPERGS.

2018

Orientador do aluno de iniciação científica Renan Bianchetto, indicado ao prêmio Jovem Pesquisador Gaúcho da FAPERGS., FAPERGS.

2016

Orientador do aluno Renan Bianchetto-Trabalho Destaque na categoria Apres. Oral no VI Salão Integrado de Ensino, Pesquisa e Extensão Siepex Uergs em 2016, Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

2016

Coorientador da aluna Eliana A. Cadoná -Trabalho Destaque na categoria pôster no Salão do conhecimento 2016, da Unijuí, Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Universidade Estadual do Rio Grande do Sul, Unidade de Três Passos. , Rua Cipriano Barata, 47, Centro, 98600000 - Três Passos, RS - Brasil, Telefone: (55) 35222895, URL da Homepage:

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

2014 - Atual

Universidade Estadual do Rio Grande do Sul

Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor Adjunto de Agronomia, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Outras informações:
A lotação é na Unidade da Uergs em Três Passos.

Atividades

  • 03/2019

    Direção e administração, Universidade Estadual do Rio Grande do Sul, .,Cargo ou função, Coordenador do Curso de Especialização em Manejo Sustentável do Solo.

  • 03/2016

    Conselhos, Comissões e Consultoria, Universidade Estadual do Rio Grande do Sul, .,Cargo ou função, Membro do colegiado do Curso de Bacharelado em Gestão Ambiental.

  • 03/2016

    Conselhos, Comissões e Consultoria, Universidade Estadual do Rio Grande do Sul, .,Cargo ou função, Membro do colegiado do Curso de Bacharelado em Agronomia.

  • 09/2019 - 01/2020

    Conselhos, Comissões e Consultoria, Universidade Estadual do Rio Grande do Sul, .,Cargo ou função, Membro do Conselho Superior da Universidade Estadual do Rio Grande do Sul (Consun).

  • 08/2019 - 12/2019

    Ensino, Gestão Ambiental, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Geomorfologia e meio ambiente

  • 08/2019 - 12/2019

    Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, DINÂMICA E EVOLUÇÃO DOS SISTEMAS AGRÁRIOS

  • 08/2019 - 12/2019

    Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, FERTILIDADE DO SOLO

  • 08/2019 - 12/2019

    Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, SILVICULTURA

  • 08/2019 - 12/2019

    Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, AGROSTOLOGIA

  • 08/2019 - 12/2019

    Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, PRODUÇÃO DE SEMENTES

  • 08/2019 - 12/2019

    Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO II

  • 11/2019 - 11/2019

    Ensino, Manejo Sustentável do Solo, Nível: Especialização,Disciplinas ministradas, Experimentação Agrícola

  • 09/2019 - 10/2019

    Ensino, Manejo Sustentável do Solo, Nível: Especialização,Disciplinas ministradas, Microbiologia do Solo

  • 03/2019 - 07/2019

    Ensino, Gestão Ambiental, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Fundamentos de Agroecologia

  • 03/2019 - 07/2019

    Ensino, Gestão Ambiental, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Conservação e uso do solo

  • 03/2019 - 07/2019

    Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Abordagem sistêmica da agricultura

  • 03/2019 - 07/2019

    Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Estatística e experimentação agrícola

  • 03/2019 - 07/2019

    Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Fitopatologia

  • 03/2019 - 07/2019

    Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Informática aplicada

  • 03/2019 - 07/2019

    Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Introdução à ciência do solo

  • 03/2019 - 07/2019

    Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Manejo e Conservação do Solo

  • 03/2017 - 03/2019

    Conselhos, Comissões e Consultoria, Unidade de Três Passos, .,Cargo ou função, Membro do Conselho de Agropecuária do Município de Três Passos.

  • 08/2018 - 12/2018

    Ensino, Gestão Ambiental, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Elaboração e análise de projetos

  • 08/2018 - 12/2018

    Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Agrostologia

  • 08/2018 - 12/2018

    Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Dinâmica e evolução dos sistemas agrários

  • 08/2018 - 12/2018

    Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Fertilidade do solo

  • 08/2018 - 12/2018

    Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Silvicultura

  • 03/2018 - 07/2018

    Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Abordagem sistêmica da agricultura

  • 03/2018 - 07/2018

    Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Estágio Curricular I

  • 03/2018 - 07/2018

    Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Estatística e experimentação agrícola

  • 03/2018 - 07/2018

    Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Fitopatologia

  • 03/2018 - 07/2018

    Ensino, Gestão Ambiental, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Fundamentos de agroecologia

  • 03/2018 - 07/2018

    Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Informática aplicada

  • 03/2018 - 07/2018

    Ensino, Gestão Ambiental, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Informática aplicada

  • 03/2018 - 07/2018

    Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Manejo e conservação do solo

  • 03/2018 - 07/2018

    Ensino, Gestão Ambiental, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Projetos integrados de gestão ambiental

  • 08/2017 - 12/2017

    Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Fertilidade do solo

  • 08/2017 - 12/2017

    Ensino, Gestão Ambiental, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Geomorfologia e meio ambiente

  • 08/2017 - 12/2017

    Ensino, Gestão Ambiental, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Projetos integrados de gestão ambiental

  • 08/2017 - 12/2017

    Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Dinâmica e evolução dos sistemas agrários

  • 08/2017 - 12/2017

    Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Análise e diagnóstico de sistemas agrários

  • 08/2017 - 12/2017

    Ensino, Gestão Ambiental, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Conservação e uso do solo

  • 11/2016 - 11/2017

    Conselhos, Comissões e Consultoria, Universidade Federal de Santa Maria, .,Cargo ou função, Membro do Colegiado de Desenvolvimento Territorial ? CODETER, do Território da Cidadania Noroeste Colonial/RS.

  • 03/2017 - 07/2017

    Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Fitopatologia

  • 03/2017 - 07/2017

    Ensino, Gestão Ambiental, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Informática aplicada

  • 03/2017 - 07/2017

    Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Elaboração e análise de projetos

  • 03/2017 - 07/2017

    Ensino, Gestão Ambiental, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Fundamentos de agroecologia

  • 03/2017 - 07/2017

    Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Estatística e experimentação agrícola

  • 03/2017 - 03/2017

    Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Abordagem sistêmica da agricultura

  • 08/2016 - 12/2016

    Ensino, Gestão Ambiental, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Projetos integrados de gestão ambiental

  • 08/2015 - 12/2016

    Ensino, Gestão Ambiental, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Economia e Meio Ambiente

  • 08/2015 - 12/2016

    Conselhos, Comissões e Consultoria, Universidade Estadual do Rio Grande do Sul, .,Cargo ou função, Membro suplente do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão.

  • 03/2015 - 12/2016

    Conselhos, Comissões e Consultoria, Unidade de Três Passos, .,Cargo ou função, Membro da comissão de laboratórios da Uergs.

  • 03/2016 - 07/2016

    Ensino, Especialização em gestão e sustentabilidade ambiental, Nível: Especialização,Disciplinas ministradas, Legislação e fiscalização ambiental

  • 03/2016 - 07/2016

    Ensino, Especialização em gestão e sustentabilidade ambiental, Nível: Especialização,Disciplinas ministradas, Manejo, uso e recuperação de solo e áreas degradadas

  • 03/2015 - 07/2016

    Ensino, Gestão Ambiental, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Desenvolvimento rural sustentável

  • 08/2015 - 12/2015

    Ensino, Gestão Ambiental, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Conservação e Uso do Solo

  • 08/2015 - 12/2015

    Ensino, Gestão Ambiental, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Restauração Ecológica

  • 08/2015 - 12/2015

    Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Dinâmica e Evolução dos Sistemas Agrários

  • 08/2015 - 12/2015

    Ensino, Gestão Ambiental, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Geomorfologia e meio ambiente

  • 08/2015 - 12/2015

    Ensino, Especialização- Segurança Alimentar e Agroecologia, Nível: Especialização,Disciplinas ministradas, Fertilidade do solo e nutrição de plantas

  • 08/2015 - 12/2015

    Ensino, Especialização- Segurança Alimentar e Agroecologia, Nível: Especialização,Disciplinas ministradas, Manejo sustentável do solo

  • 03/2015 - 07/2015

    Ensino, Gestão Ambiental, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Elaboração e Análise de Projetos

  • 03/2015 - 07/2015

    Ensino, Tecnologia em Gestão Ambiental, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Prática Integrada de Campo

  • 03/2015 - 07/2015

    Ensino, Tecnologia em Gestão Ambiental, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Ética e Meio Ambiente

  • 03/2015 - 07/2015

    Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Abordagem Sistêmica da Agricultura

  • 03/2015 - 07/2015

    Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Estatística e experimentação agrícola

  • 03/2015 - 07/2015

    Ensino, Gestão Ambiental, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Fundamentos de agroecologia

  • 08/2014 - 07/2015

    Outras atividades técnico-científicas , Unidade de Três Passos, Unidade de Três Passos.,Atividade realizada, Coordenador do Curso de Tecnologia em Agropecuária Integrada.

  • 08/2014 - 12/2014

    Ensino, Gestão Ambiental, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Geomorfologia e meio ambiente

  • 06/2014 - 12/2014

    Ensino, Gestão Ambiental, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Geologia Ambiental

  • 06/2014 - 12/2014

    Ensino, Gestão Ambiental, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Sociedade, cultura e natureza

  • 06/2014 - 12/2014

    Ensino, Gestão Ambiental, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Estágio supervisionado

2014 - 2014

Associação Sulina de Crédito e Assistência Rural

Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Extensionista Rural de Nível Superior, Carga horária: 40

2014 - 2014

Universidade Federal de Santa Maria

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Extensionista Rural de Nível Superior, Carga horária: 40

Outras informações:
Empresa Ascar-Emater-RS

2009 - 2014

Universidade Federal de Santa Maria

Vínculo: Aluno do PPGCS da UFSM, Enquadramento Funcional: Estudante de Doutorado, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

2007 - 2009

Universidade Federal de Santa Maria

Vínculo: Estudante de Mestrado, Enquadramento Funcional: Estudante de Mestrado

2001 - 2006

Universidade Federal de Santa Maria

Vínculo: Estudante de Agronomia, Enquadramento Funcional: Estudante de Agronomia