Antonilde Rosa Pires

Mestra em Musicologia no Projeto de Pesquisa Africanias, sob orientação da profa. Dra. Andrea Albuquerque Adour da Câmara, no Programa de Pós-Graduação em Música da Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ. Graduada em Canto Bacharelado pela Universidade Federal de Goiás­ UFG. Foi bolsista do Programa de Iniciação Científica ?PIBIC, CNPQ no período de 01 de agosto de 2014 a 31 de julho de 2015, com a pesquisa ?Um estudo sobre o impacto do estresse e ansiedade na atividade de cantoras em 4 Universidades do Centro ­ Oeste e Triângulo Mineiro, com a orientação da professora Dra. Sonia Ray. Pesquisadora do Laboratório de Estudos de Gênero, Étnico-raciais e Espacialidades-IESA/UFG, onde desenvolveu o projeto ?Música e Religiosidade: um estudo sobre os processos de formação de crianças na congada em Goiânia?, tendo como Orientador o professor Dr. Alecsandro (Alex) J. P. Ratts. É Monitora Remunera do Programa de Monitoria da UFG/EMAC 2016, das disciplinas ?História da Música no Brasil e Música e Cultura Musical Brasileira? com Orientação da professora Drª Ana Guiomar Rego Souza. é integrante da Rede Sonora - música (s) e feminismo (s) e do Coletivo de Mulheres Negras da UFG e também do Coletivo Rosa Parks ? que desenvolve Estudos e Pesquisas sobre Raça, Etnia, Gênero, Sexualidade e Interseccionalidades. Tem feito regularmente cursos de aperfeiçoamento em estudos musicológicos, pedagogia musical, vocal e performance com professores das áreas de renome nacional e internacional como: Ana Maria Liberal, Antonio Salgado, David Cranmer, Daniel Afonso, Renato Mismetti, Ricardo Ballestero, Wiilliam Conable, Alberto José Vieira Pacheco, dentre outros. Integra como preparadora vocal o projeto "Medéia e suas Margens" - principal ação do projeto de extensão Palco em Debate, do Instituto de Artes da UERJ, desenvolve um programa de formação artística nas linguagens do teatro, da dança e da performance com coletivos e grupos da cidade do Rio de Janeiro. O espetáculo se inscreve entre o teatral e o performático, misturando dramaturgias pessoais das atrizes e textos\colagens, retirados de diferentes fontes literárias e noticiados em acontecimentos recentes.

Informações coletadas do Lattes em 25/06/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Mestrado em Música

2017 - 2019

Universidade Federal do Rio de Janeiro
Título: DRAMA QUE ENTRETECE A ESTÉTICA DE FEMINILIDADE NEGRA,Ano de Obtenção: 2019
Andrea Albuquerque Adour da Câmara.Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Grande área: Lingüística, Letras e Artes

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2017 - 2017

FORTELECENDO E TRAMANDO REDES FEMINISTAS. (Carga horária: 30h). , Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.

2016 - 2016

Canção Luso-Brasileira no século XIX: tipificação, edição e execução. (Carga horária: 10h). , Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.

2015 - 2015

A tradição de música teatral luso-brasileira do período colonial. (Carga horária: 8h). , Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.

2014 - 2014

Viajando pela música portuguesa do século XIX. (Carga horária: 8h). , Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.

2014 - 2014

MASTERCLASS: Correpetição. (Carga horária: 10h). , Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.

2014 - 2014

Técnica de Alexander. (Carga horária: 10h). , Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.

2014 - 2014

Prática Coral. (Carga horária: 20h). , Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.

2013 - 2013

Extensão universitária em INGLÊS I. (Carga horária: 60h). , Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.

2013 - 2013

Extensão universitária em INGLÊS II. (Carga horária: 60h). , Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.

2012 - 2012

Extensão universitária em FORMAÇÃO FEMINISTA: tramas e redes para mudar o mundo. (Carga horária: 120h). , Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.

2012 - 2012

OFICINA: hip hop. (Carga horária: 2h). , Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.

2012 - 2012

MASTERCLASS: Canto. (Carga horária: 10h). , Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.

2012 - 2012

MASTERCLASS: Villani-Côrtes Masterclass de suas obras. (Carga horária: 10h). , Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.

2012 - 2012

OFICINA: Cultura popular: Congadas. (Carga horária: 3h). , Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.

2012 - 2012

OFICINA: Mostra de Curtas. (Carga horária: 2h). , Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.

2012 - 2012

OFICINA: forró. (Carga horária: 2h). , Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.

2012 - 2012

Identidade Etnicorracial Negra: as abordagens dos estudos culturais e da a. (Carga horária: 12h). , Universidade Federal de Ouro Preto, UFOP, Brasil.

2012 - 2012

Canto Belting para Musicais. (Carga horária: 10h). , Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.

2012 - 2012

PRATICA CORAL: Te deum de Villani-Côrtes para Coro, Orquestra e Solistas. (Carga horária: 12h). , Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.

2012 - 2012

Negros e Mulheres na História da Música Popular Brasileira. (Carga horária: 12h). , Universidade Federal de Ouro Preto, UFOP, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

Grande área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Artes / Subárea: Música/Especialidade: Canto.

Grande área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Artes / Subárea: Música.

Grande área: Ciências Humanas / Área: Educação.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

ROSA, Antonilde Pires . II Jornada Africanias. 2018. (Congresso).

ROSA, Antonilde Pires ; RATTS, A. A. J. P. . II COLÓQUIO NACIONAL ESPAÇO E DIFERENÇA. 2016. (Outro).

ROSA, Antonilde Pires . I Seminário Coletivo Rosa Parks: Produção de Saberes e Intersecções entre Racismo e Machismo. 2016. (Congresso).

ROSA, Antonilde Pires ; RATTS, A. A. J. P. . SEMANA DA ÁFRICA. 2015. (Outro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

17 Colóquio de Pesquisa do PPGM.Presença na Ausência: estratégias de (re)existência de cantoras líricas negras no cenário brasileiro contemporâneo. 2018. (Simpósio).

Encontro Nacional de Mulheres Negras 30 Anos: contra o racismo, a violência e pelo bem viver - Mulheres Negras Movem o Brasil.Grupo de Trabalho. 2018. (Encontro).

II Jornada Africanias.Recital Voz e Piano. 2018. (Simpósio).

IX Simpósio internacional de Musicologia: Música, Universidade e Socialização do Conhecimento.Cantos proverbiais africanos de Eduardo Camenietzki: um estudo de caso. 2018. (Simpósio).

Práticas Interculturais de Letramento de Resistência. 2017. (Seminário).

6º SEMINÁRIO DE PESQUISA NA GRADUAÇÃO.Seminário em Pesquisa. 2016. (Seminário).

II COLÓQUIO NACIONAL ESPAÇO E DIFERENÇA.Colóquio Nacional Espaço e Diferença. 2016. (Outra).

VI SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE MUSICOLOGIA.Simpósio de Musicologia. 2016. (Simpósio).

ENCONTRO COMEMORATIVO DOS 30 ANOS DO NEAB/UFMA-IV ENCONTRO NACIONAL DO CONNEABS/ II JORNADA INTERNACIONAL DE CIÊNCIAS SOCIAIS.Encontro Comemorativo de 30 anos do NEAB/UFMA. 2015. (Encontro).

IV PENSANDO ÁFRICA E SUAS DIÁSPORAS/I SEMINÁRIO DE FORMAÇÃO UNIAFRO/I SEMINÁRIO SOBRE CULTURA INDÍGENAS NA UFOP/I ENCONTROS DOS PIBIDS DE TEMÁTICA AFRICANA E INDÍGENA. Pensando África e Suas Diásporas. 2015. (Congresso).

IV SERNEGRA/II CONGRESSO DE PESQUISADORES (as) NEGROS (as) DO CENTRO OESTE-II COPENE/CO. IV Sernegra/II COPENE/CO. 2015. (Congresso).

V SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE MUSICOLOGIA/ VII ENCONTRO DE MUSICOLOGIA HISTÓRICA.Simpósio de Musicologia. 2015. (Simpósio).

IV SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE MUSICOLOGIA e VI ENCONTRO DE DE MUSICOLOGIA HISTÓRICA.SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE MUSICOLOGIA. 2014. (Simpósio).

VII LATINIDADES - FESTIVAL INTERNACIONAL DA MULHER AFRO LATINA E CARIBENHA.7º Festival Latinidades. 2014. (Outra).

38º FESTIVAL INTERNACIONAL DE MÚSICA.Festival de Música. 2013. (Outra).

GOIÂNIA EM CANTO.Encontro de Corais. 2013. (Outra).

I COLÓQUIO NACIONAL ESPAÇO E DIFERENÇA.Espaço e diferença. 2013. (Outra).

37º FESTIVAL INTERNACIONAL DE MÚSICA.Festival Internacional de Música. 2012. (Outra).

III PENSANDO ÁFRICA E SUAS DIÁSPORAS/I ENCONTRO DE ANTROPOLOGIA E EDUCAÇÃO.Pensando África. 2012. (Encontro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

ROSA, Antonilde Pires. Banca examinadora na I Jornada Afro Acadêmica de Estudos. 2017. Instituto de Filosofia e Ciências Sociais.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Andréa Albuquerque Adour da Camara

CAMARA, Andréa Albuquerque Adour da; Damaceno, Janaína; ADOUR, Fabio. Participação como presidente da banca examinadora da defessa de dissertação de mestrado do trabalho intitulado "Drama que entretece a estética de feminilidade negra: a representação da mulher negra na ópera Lídia de Oxum", apresentada ao PPGM da Escola de Música da UFRJ de âmbito local com vínculo metodológico, concietual e temático ao Projeto Africanias UFRJ. 2019.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Andréa Albuquerque Adour da Camara

Lídia de Oxum: drama que entretece a estética de femilinidade negra; Início: 2018; Dissertação (Mestrado em Música) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; (Orientador);

Andréa Albuquerque Adour da Camara

Drama que entretece a Estética de feminilidade negra: a representação da mulher negra na ópera Lídia de Oxum; 2019; Dissertação (Mestrado em Música) - Universidade Federal do Rio de Janeiro,; Orientador: Andréa Albuquerque Adour da Camara;

Luciana Pires de Sá Requião

Nota s Que Tocam oS MundoS Dela s relações laborais de mulheres musicistas à luz da trajetória de Joanídia Sodré - Rio de Janeiro (1920 a 1970); Início: 2021; Tese (Doutorado em programa de Pós Graduação em Música - UNIRIO) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; (Orientador);

Denise Espírito Santo da Silva

As margens com Medéia: canto coral como prática de cuidado coletivo; 2021; Orientação de outra natureza - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Fundação de Amparo a Pesquisa no Estado do Rio de Janeiro; Orientador: Denise Espírito Santo da Silva;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • ROSA, Antonilde Pires . ÓPERA,RAÇAEGÊNEROSOBOPONTODEVISTADEARTISTASNEGRAS(OS). REVISTA MÚSICA (ONLINE) , v. 19, p. 149-172, 2019.

  • ROSA, Antonilde Pires ; SOUZA, A. G. R. . CANTORAS AFRO - BRASILEIRAS DE ÓPERA: UMA REFLEXÃO SOBRE A AUSÊNCIA DE CANTORAS LÍRICAS NEGRAS NOS LIVROS DE HISTÓRIA DA MÚSICA BRASILEIRA DO SÉCULO XIX. Revista ABPN , v. v. 9, p. 20-36, 2017.

  • ROSA, Antonilde Pires . Música de Concerto e Feminismo: uma perspectiva interseccional. FLADEM BRASIL, Fladem Brasil, 20 jun. 2018.

  • ROSA, Antonilde Pires . O sintomático racismo no cenário musical goiano. DIÁRIO DA MANHÃ, GOIÁS, p. 6 - 6, 21 jan. 2017.

  • ROSA, Antonilde Pires . O samba é branco quando a arrogância é absurda. DIÁRIO DA MANHÃ, GOIÁS, p. 7 - 7, 07 jan. 2017.

  • ROSA, Antonilde Pires . O ?PRETUGUÊS?: vocalidades da persona Mãe Preta da canção Bonequinha de Sede de Francisco Mignone. In: X Congresso Brasileiro de Pesquisadores/as Negros/as ? X COPENE, 2018, Uberlandia. Anais eletrônicos X Congresso Brasileiro de Pesquisadores/as Negros/as ? X COPENE, 2018.

  • ROSA, Antonilde Pires . Cantos Proverbiais Africanos de Eduardo Camenietzki: um estudo de caso. In: IX SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE MUSICOLOGIA DA UFRJ ?MÚSICA, UNIVERSIDADE E SOCIALIZAÇÃO DO CONHECIMENTO?, 2018, Rio de Janeiro. Anais Eletrônico IX SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE MUSICOLOGIA DA UFRJ ?MÚSICA, UNIVERSIDADE E SOCIALIZAÇÃO DO CONHECIMENTO?, 2018.

  • ROSA, Antonilde Pires ; SOUZA, A. G. R. . MULHERES EM CENA: dos papeis socais às performances muscais. In: VI SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE MUSICOLOGA, 2016, Goiânia. VI SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE MUSICOLOGIA, 2016. v. 1. p. 00-00.

  • ROSA, Antonilde Pires ; RATTS, A. A. J. P. . Oralidade, Música e Religiosidade: um breve estudo sobre os processos de formação das identidades de crianças nas congadas em Goiânia. In: Encontro Comemorativo dos 30 anos do NEAB/UFMA / IV Encontro Nacional do CONNEABS / II Jornada Internacional de Ciências Sociais com o tema ?Diálogos Diaspóricos: Diversidade e Identidade?, 2015, São Luis. Encontro Comemorativo dos 30 anos do NEAB/UFMA/IV Encontro Nacional do CONNEABS/II Jornada Internacional de Ciências Sociais, 2015. p. 1-18.

  • ROSA, Antonilde Pires . Presença na Ausência: estratégias de (re)existência de cantoras líricas negras no cenário brasileiro contemporâneo. 2018. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • ROSA, Antonilde Pires . Cantos proverbiais africanos de Eduardo Camenietzki: um estudo de caso. 2018. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • ROSA, Antonilde Pires . LÍDIA DE OXUM: construção e representação imagética da mulher negra. 2018. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • ROSA, Antonilde Pires . O ?PRETUGUÊS?: vocalidades da persona Mãe Preta da canção Bonequinha de Sede de Francisco Mignone. 2018. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • ROSA, Antonilde Pires ; RAYMUNDO, S. M. R. . Considerações sobre o Impacto do Estresse e Ansiedade na Performance Vocal de Cantoras. 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • ROSA, Antonilde Pires ; DIAS, L. O. . Ocupação Feminista: reflexões e proposições antirracistas para a construção de novas comunidades de aprendizagens. 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • ROSA, Antonilde Pires ; DIAS, L. O. . OCUPAÇÃO FEMINISTA: REFLEXÕES E PROPOSIÇÕES ANTIRRACISTA PARA A CONSTRUÇÃO DE NOVAS COMUNIDADES DE APRENDIZAGENS. 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • ROSA, Antonilde Pires ; SOUZA, A. G. R. . The African-Brazilian opera singers: uma reflexão sobre a ausência de cantoras líricas negras nos livros de história da música brasileira do século XIX. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • ROSA, Antonilde Pires . Líricas em Dissonância: considerações sobre os protagonismos de cantoras líricas negras no século XIX. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • ROSA, Antonilde Pires ; RAYMUNDO, S. M. R. . Um Estudo  Sobre o Impacto do Estresse e Ansiedade na Performance de  Cantoras no  Contexto das IESF do Centro ­ Oeste e Triângulo Mineiro. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • ROSA, Antonilde Pires ; RATTS, A. A. J. P. . A formação Musical como Processo de Construção de Identidades de Crianças nos Ternos de Congadas em Goiiânia. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

ROSA, Antonilde Pires . Mulheres nas músicas. 2018. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).

ROSA, Antonilde Pires . Lídia de Oxum. 2018. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).

ROSA, Antonilde Pires . Repensando a universidade pública a partir da UFG. 2018. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).

ROSA, Antonilde Pires . Feminismo e Ações Coletivas na Contemporaneidade. 2017. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).

ROSA, Antonilde Pires . Escrevivências. 2017. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).

ROSA, Antonilde Pires . GELEDÉS INSTITUTO DA MULHER NEGRA. 2017; Tema: Samba branco, seu racismo e seu compasso manco. (Site).

ROSA, Antonilde Pires . CATARINAS. 2017; Tema: O que o lugar de privilégio de mulheres brancas não lhe permitem enxergar. (Site).

ROSA, Antonilde Pires . MACHISMO, COMUNICAÇÃO VIOLENTA, RACISMO E LGBTTIFOBIA NOS MOVIMENTOS SOCIAIS MISTOS E FEMINIOSTAS, VAMOS FALAR SOBRE AMOR E RECONHECIMENTO ENTRE NÓS?. 2017. .

ROSA, Antonilde Pires . Nonada Shakespeare. 2017. Teatral.

ROSA, Antonilde Pires . Recital Voz e Piano. 2018. Interpretação.

ROSA, Antonilde Pires . Líricas da Diáspora. 2017. Interpretação.

ROSA, Antonilde Pires . Aluno em Foco. 2016. Interpretação.

ROSA, Antonilde Pires . Aluno em Foco. 2016. Interpretação.

ROSA, Antonilde Pires . Recital de Canto. 2016. Interpretação.

ROSA, Antonilde Pires . Música de Câmara. 2016. Interpretação.

ROSA, Antonilde Pires . RECITAIS VILABOENSES. 2015. Interpretação.

ROSA, Antonilde Pires . Coral do 39º Festival Internacional de Música. 2014. Interpretação.

ROSA, Antonilde Pires . Aluno em Foco. 2013. Interpretação.

ROSA, Antonilde Pires . Territorialidades Negras. 2013. Interpretação.

ROSA, Antonilde Pires . Música de Câmara. 2013. Interpretação.

ROSA, Antonilde Pires . Coral do 38º Festival Internacional de Música. 2013. Interpretação.

ROSA, Antonilde Pires . GOIÂNIA EM CANTO. 2013. Interpretação.

ROSA, Antonilde Pires . MÚSICA EM CENA. 2013. Interpretação.

ROSA, Antonilde Pires . Boi do Rosário. 2013. Interpretação.

ROSA, Antonilde Pires . Coro de Câmara EMAC/UFG. 2013. Interpretação.

ROSA, Antonilde Pires . Aluno em Foco. 2012. Interpretação.

ROSA, Antonilde Pires . Coro e Orquestra do 37o Festival Internacional de Música da EMAC/UFG. 2012. Interpretação.

ROSA, Antonilde Pires . Coro de Câmara da EMAC/UFG. 2012. Interpretação.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

2012 - 2012

Universidade Federal de Goiás

Vínculo: Monitora, Enquadramento Funcional: VI Simpósio Internacional de Musicologia, Carga horária: 20

2013 - 2013

Instituto de Estudos Sócio-Ambiental

Vínculo: Monitora, Enquadramento Funcional: Monitora I Coloquio Nacional Espaço e Diferen, Carga horária: 12

2016 - 2016

Escola de Musica e artes Cênicas

Vínculo: Monitora, Enquadramento Funcional: VI Simpósio Internacional de Musicologia, Carga horária: 12

2013 - 2013

EMAC/UFG

Vínculo: Monitora, Enquadramento Funcional: 38º Festival Internacional de Música, Carga horária: 30

2014 - 2015

Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: PIBIC, Carga horária: 300, Regime: Dedicação exclusiva.

2016 - Atual

Pró-reitoria de graduação

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Monitora, Carga horária: 160