Elenice Maria Corrêa

Professora Associada do Instituto de Ciências Biomédicas (ICB) do Centro de Ciências da Saúde (CSS) da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Na UFRJ recebeu o grau de PhD no curso de Doutorado na Pós-Graduação em Ciências Biológicas-modalidade Biofísica - área de concentração Neurociências, com conceito 7 (CAPES), realizado no Instituto de Biofísica Carlos Chagas Filho, UFRJ. Fez Mestrado Acadêmico no Programa de Pós-graduação em Biociências, do Instituto de Biologia Paulo Alcântara Gomes (IBRAG), Biofísica, na UERJ, classificado entre os melhores programas na Área de Ciências Biológicas I da CAPES, e entre os três melhores cursos de pós-graduação da UERJ. Recebeu na UERJ os títulos de Especialista em Biociências Nucleares (Curso de Especialização, patrocinado pela Comissão Nacional de Energia Nuclear - CNEN) e o de Mestre em Ciências Atuou na UERJ como Profa. Substituto no Depto de Histologia e Embriologia, e como Orientadora no Programa de Mestrado em Morfologia. Foi Profa.Visitante na Faculdade de Medicina de Volta Redonda, e Profa. Assistente na Escola Superior de Ensino Helena Antipoff - ESEHA. Em 1992 prestou Concurso Público para Professor na UFRJ, no Depto de Histologia e Embriologia, do Centro de Ciências da Saúde,CCS. com aprovação em primeiro lugar. Hoje este departamento se roenou programas de graduação e pesquisa do Instituto de Ciências Biomédicas, ICB. Na UFRJ, lecionou para diversos cursos (Psicologia, Biologia, Odontologia, Farmácia) e até a presente data leciona para os cursos de Medicina, Ciências Biológicas-Modalidade Médica e Fonoaudiologia. É membro na UFRJ do Programa de Graduação em Biologia Celular e Biologia do Desenvolvimento e Programa de Pesquisa em Neurociências Básicas e Clínica. Na graduação da UFRJ orienta alunos de iniciação científica e é orientadora de Monografias de Conclusão de Curso na Fonoaudiologia. Na pesquisa científica, assina Correa-Gillieron,EM. e se concentra nas áreas: Neurociências, Morfologia, Morfometria, Microscopia Eletrônica, e Embriologia. Como linha de pesquisa tem: A Glândula Pineal de vertebrados, onde o enfoque principal esta nos estudos sobre os Efeitos tóxicos do excesso de Zinco,estudando ainda aspectos morfológicos da glândula e Sinaptogênese. Na área de Pós-Graduação é Orientadora de Mestrado pelo Mestrado Profissional em Educação, Gestão e Difusão em Biociências , no Inst. de Bioquimica Médica UFRJ, tendo como eixo temático, a educação, a divulgação científica e a gestão de projetos. Orienta ainda alunos de iniciação científica júnior (CAP-UFRJ) com bolsa PIBIC-Ensino Médio, e alunos de graduação com bolsa PROFAEX-MEC. Na área de Extensão Universitária da UFRJ, criou e coordena o Projeto de Extensão Museu 3D ( sediado no Núcleo de Extensão e Divulgação Científica/ICB/UFRJ). As ações na Extensão tem como eixos temáticos, a modelagem tridimensional usada como material educacional para o ensino teórico-prático e morfológico de Ciências Biomédicas, e em associação com a tecnologia de jogos e afins, para atuar com ludicidade em diversos níveis de ensin. Atua ainda na divulgação científica de ciências biomédicas junto a sociedade (escolas do ensino fundamental e médio, no ensino universitário, em hospitais (ambulatórios), em orfanatos, em ONGs), e atuando ainda em curso de Formação de Educadores e em eventos socio-educacionais. É importante sua ação junto a parceiros (ex: INCA) na produção de modelos em 3D para ensino na graduação e pós-graduação. Como curadora, atua junto ao acervo de modelos em 3D da coleção didática do ICB, que representa um patrimônio cultural da UFRJ, como um museu presencial e/ou virtual, pela datação antiga de seus exemplares.

Informações coletadas do Lattes em 03/06/2019

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em Ciências Biológicas modalidade Neurociências

1989 - 1994

Universidade Federal do Rio de Janeiro
Título: Sinaptogênese nas camadas retino-recipientes do colículo superior Didelphis marsupialis
Leny Alves Cavalcante. Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil. Palavras-chave: neurociencias; Neurobiologia; coliculo superior; sinapses; synapse; marsupial. Grande área: Ciências BiológicasGrande Área: Ciências Biológicas / Área: Morfologia. Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Morfologia / Subárea: Histologia / Especialidade: Neurobiologia. Setores de atividade: Neurociências.

Mestrado em Pós-Graduação em Biociência

1983 - 1986

UERJ- Instituto de Biologia Paulo Alcantara Gomes (IBRAG)
Título: Estudo histoquímico e ultraestrutural na matriz extracelular de corneas embrionarias de Gallus gallus dom.L,Ano de Obtenção: 1986
Gerson Cotta Pereira.Bolsista do(a): Comissão Nacional de Energia Nuclear, CNEN, Brasil. Palavras-chave: fibras elasticas; cornea; elastic fiber; fibras oxitalanicas; visual system.Grande área: Ciências BiológicasGrande Área: Ciências Biológicas / Área: Morfologia / Subárea: Citologia e Biologia Celular. Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Biologia Geral / Subárea: Morfologia / Especialidade: Neurobiologia. Setores de atividade: Saúde Humana; Outros Setores.

Especialização em Biociências Nucleares

1981 - 1982

Universidade do Estado do Rio de Janeiro
Título: Titulação obtida por classificação por média final (9,45) no curso
Orientador: não havia orientador determinado
Bolsista do(a): Comissão Nacional de Energia Nuclear, CNEN, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2011 - 2012

Extensão universitária em Extensão em EAD com ênfase na Tutoria CEDERJ. (Carga horária: 140h). , Fundação Centro de Ciências e Educação Superior à Distância do Estado do RJ, CECIERJ, Brasil.

2007 - 2007

Curso Básico,Teórico e Prático sobre Microscopia C. (Carga horária: 56h). , Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.

2006 - 2006

Perspectves in Brazilian Developmental Biology. (Carga horária: 45h). , Escola de Altos Estudos-CAPES-MEC-UNESCO, CAPES, Brasil.

2004 - 2004

Steam Cells and cellular Therapy. (Carga horária: 30h). , Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.

2003 - 2003

50 Anos d DNA.Descoberta/Impacto na Oncobiologia. (Carga horária: 20h). , Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.

2001 - 2001

What the developing cerebral cortex tells about ... (Carga horária: 40h). , UNESCO, UNESCO, Brasil.

2001 - 2001

PLANEJANDO E OTIMIZANDO A REAÇÃO DO PCR. (Carga horária: 20h). , Universidade de São Paulo, USP, Brasil.

2000 - 2000

Imunocitoquimica. (Carga horária: 20h). , BIO GEN/UFRJ, BIO-GEN UFRJ, Brasil.

1999 - 1999

Estereologia I e II. (Carga horária: 40h). , Inst.Politecnico da UERJ, IP/UERJ, Brasil.

1998 - 1998

What the developing cerebral cortex tells about ... (Carga horária: 45h). , UNESCO, UNESCO, Brasil.

1989 - 1989

Tecnicas de Congelamento em Microscopia Eletronica. , Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.

1989 - 1989

Neuroplasticidade. , Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.

1988 - 1988

Polipeptídeos Biologicamente Ativos. , Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.

1988 - 1988

Bioeletrogenese. , Federação das sociedades de biologia experimental, FESBE, Brasil.

1988 - 1988

Neurobiologia do Desenvolvimento. , Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.

1986 - 1987

Ingles. , IEOB, IEOB, Brasil.

1986 - 1986

Autorradiografia. , Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.

1986 - 1986

Ingles Instrumental. , Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.

1984 - 1984

Ingles. , Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.

1983 - 1983

Ultraestrutura Celular. , Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.

1983 - 1983

Radiobiologia I. , Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.

1983 - 1983

Aplicações Biológicas de Radioisotopos. , Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.

1983 - 1983

Fisica Nuclear. , Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.

1983 - 1983

Virologia Animal aplicada a riquetsias. , Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.

1983 - 1983

Biologia I a IV. , Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.

1983 - 1983

Fisicoquímia Biologica. , Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.

1983 - 1983

Metodologia de Radioisotopos. , Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.

1983 - 1983

Biologia Molecular. , Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.

1983 - 1983

Frances. , Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.

1983 - 1983

Bases ultraestruturais das funções celulares. , Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.

1982 - 1982

Biometri I e II. , Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.

1982 - 1982

Estudo de Problemas Brasileiros. , Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.

1982 - 1982

Estrutura e Funcionamento do Ensino Superior. , Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.

1982 - 1982

Introdução ao processamento Eletronico de Dados. , Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.

1982 - 1982

Radioproteção. , Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.

1982 - 1982

Didática de Ciencias Biomédicas. , Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.

1981 - 1981

MBA em Especialização em Biociências Nucleares. , UERJ- Instituto de Biologia Paulo Alcantara Gomes (IBRAG), UERJ, Brasil. , Título: Curso de especialização. , Orientador: Diversos. , Bolsista do(a): Comissão de Energia Nuclear, CNEN, Brasil. , Palavras-chave: biociencias; nucleares; especialização.

1980 - 1981

Curso de Aperfeiçoamento em Métodos Imunologia e Microbiologia. , Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.

1980 - 1980

Medicina Natural. , Prof.Mario BonTempo - particular, PARTICULAR, Brasil.

1979 - 1979

Anatomia Comparada. , Centro de Desenvolvimento de Recursos Humanos, CDRH, Brasil.

1978 - 1978

Técnica Fotográfica. (Carga horária: 120h). , Prof.Hans Rosenschein, PARTICULAR, Brasil.

1978 - 1978

Fotografia. , Universidade Federal Fluminense, UFF, Brasil.

1978 - 1978

Imunopatias e Imunodeficiências. , Universidade Federal Fluminense, UFF, Brasil.

1977 - 1977

Doenças Sexualmente Transmissiveis-DSTs. , Universidade Federal Fluminense, UFF, Brasil.

1977 - 1977

Aspectos Morfologicos da Secreção Celular. , Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.

1976 - 1976

O Mar como fonte de Alimentos. (Carga horária: 80h). , Fundação de Estudos do Mar/Ministerio Marinha do Brasil, FEM/MM, Brasil.

1976 - 1976

O Mar como Fonte de Energia. (Carga horária: 80h). , Fundação de Estudos do Mar/Ministerio Marinha do Brasil, FEM/MM, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Espanhol

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Francês

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Morfologia / Subárea: Neurociências.

    Grande área: Ciências Humanas / Área: Educação / Subárea: Educação.

    Grande área: Outros / Área: Divulgação Científica / Subárea: Extensão Universitária.

    Grande área: Outros / Área: Divulgação Científica / Subárea: Histologia.

    Grande área: Outros / Área: Divulgação Científica / Subárea: Embriologia.

    Grande área: Outros / Área: Divulgação Científica / Subárea: Neurofarmacologia.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

CORREA-GILLIERON, E.M ; SANTANA, C. N. ; SOEIRO, T. C. C. . Raciocina Guri!. 2015. (Exposição).

CORREA-GILLIERON, E.M . Comissão Organizadora e Julgadora da II Olimpiada de Neurociências do Rio de Janeiro. 2014. .

CORREA-GILLIERON, E.M ; Gomes da Silva, V. ; Dutra, Helio dos Santos . Museu 3D mostra O Cérebro - Uma Visão Comparativa (VisiLab). 2013. (Exposição).

CORREA-GILLIERON, E.M . Comissão Organizadora e Julgadora da I Olimpiada de Neurociências do Rio de Jane. 2013. .

CORREA, E. M. . Jornadas de Embriologia - semestre 1. 2009. (Exposição).

CORREA, E. M. . Jornadas de Embriologia - semestre 1 e 2. 2008. (Exposição).

CORREA, E. M. . Jornadas de Embriologia - semestre 2. 2007. (Exposição).

CORREA-GILLIERON, E.M . Jornadas de Embriologia - semestre 1. 2006. (Exposição).

CORREA-GILLIERON, E.M . Jornadas de Embriologia - semestre 2. 2006. (Exposição).

CORREA-GILLIERON, E.M . Jornada de Embriologia - semestre 1. 2005. (Exposição).

CORREA-GILLIERON, E.M . Jornada de Embriologia - semestre 2. 2005. (Exposição).

CORREA-GILLIERON, E.M . Jornada de Embriologia - semestre 1. 2004. (Exposição).

CORREA-GILLIERON, E.M . Jornada de Embriologia - semestre 2. 2004. (Exposição).

CORREA-GILLIERON, E.M . Jornadas de Embriologia - semesre 1. 2003. (Exposição).

CORREA-GILLIERON, E.M . Jornada de Embriologia - semestre 2. 2003. (Exposição).

CORREA-GILLIERON, E.M . Jornada de Embriologia - semestre 1. 2002. (Exposição).

CORREA-GILLIERON, E.M . Jornada de Embriologia - semestre 2. 2002. (Exposição).

CORREA-GILLIERON, E.M . Jornada de Embriologia semestre 1. 2001. (Exposição).

CORREA-GILLIERON, E.M . Jornada de Embriologia - semestre 2. 2001. (Exposição).

CORREA-GILLIERON, E.M . Jornada de Embriologia - semestre 1. 2000. (Exposição).

CORREA-GILLIERON, E.M . Jornada de Embriologia - semestre 2. 2000. (Exposição).

CORREA-GILLIERON, E.M . Jornada de Embriologia - semestre 1. 1999. (Exposição).

CORREA-GILLIERON, E.M . Jornada de Embriologia - semestre 2. 1999. (Exposição).

CORREA-GILLIERON, E.M . Jornada de Embriologia - semestre 2. 1998. (Exposição).

CORREA-GILLIERON, E.M . Jornada de Embriologia - semestre 1. 1998. (Exposição).

CORREA-GILLIERON, E.M . Jornada de Embriologia - semestre 1. 1997. (Exposição).

CORREA-GILLIERON, E.M . Jornada de Embriologia - semestre 2. 1997. (Exposição).

CORREA-GILLIERON, E.M . Representante do CCS na XVI Jornada de iniciação Cientifica e IV Jornada Interna de Iniciação Artistica e Cultural. 1994. (Exposição).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

Brain Awareness Week - X Semana Nacional do Cérebro , partner Dana Foundation.Difference between the female and male brains.Theoretica/Practical Activity:Differences in the learning of cognitive abilities. 2019. (Simpósio).

IX Semana Nacional do Cérebro e Semana Internacional de Conscientização do Cérebro, partner Dana Foundation.Como Manter o seu Cérebro Jovem. 2018. (Oficina).

IX Semana Nacional do Cérebro e Semana Internacional de Conscientização do Cérebro, partner Dana Foundation.Treinando o Cérebro. 2018. (Oficina).

IX Semana Nacional do Cérebro e Semana Internacional de Conscientização do Cérebro, partner Dana Foundation.COMO ILUDIR O CÉREBRO. 2018. (Oficina).

Semana do Cãncer de próstata 2018.Novembro Azul - Uma campanha para a vida!. 2018. (Oficina).

?Sábado da Ciência: O incrível Sistema Imune?. Influência dos Linfócitos T no Transplante de medula óssea em pacientes com cancer.. 2017. (Feira).

8ª SIAC UFRJ (Semana de Integração Acadêmica). Musicando a consciência.. 2017. (Congresso).

8ª SIAC UFRJ (Semana de Integração Acadêmica). VOCÊ ENTROU NA UNIVERSIDADE! QUAL SERÁ SEU DIFERENCIAL A PARTIR DE AGORA?. 2017. (Congresso).

8ª SIAC UFRJ (Semana de Integração Acadêmica). Implante Coclear : do silêncio para o som. 2017. (Congresso).

8ª SIAC UFRJ (Semana de Integração Acadêmica). MODELANDO A MATEMÁTICA E CONHECENDO A ENERGIA. UMA PROPOSTA EDUCACIONAL INTERATIVA PARA PROFESSORES.. 2017. (Congresso).

8ª SIAC UFRJ (Semana de Integração Acadêmica). Radionovela Flash Mob : Uma conscientização sobre o uso da voz e a dramaturgia.. 2017. (Congresso).

ANDEA - II Congresso Internacional e VIi Congresso Nacional de Dificuldade de Ensino e Aprendizagem. ? Experiência do Futuro Fonoaudiólogo na Extensão Universitária: Um relato que Contribui para as Ações Sociais. 2017. (Congresso).

Congresso de Extensão da Biomedicina.Influência dos linfócitos T no Transplante e medula óssea em pacientes com câncer. 2017. (Simpósio).

Conhecendo a UFRJ. O MUSEU 3D aplicado ao ensino médio (conhecendo a UFRJ). 2017. (Exposição).

IV Congresso de Ensino, Pesquisa e Extensão (IV CONEPE).. Experiência do Futuro Fonoaudiólogo na Extensão Universitária: Divulgando ciência como transformador sociocultural.. 2017. (Congresso).

VIII Semana Nacional do Cérebro - International Calendar Events - BAW.Percepção Musical - Conscientização. 2017. (Simpósio).

XXVI Congresso Brasileiro de Cirurgia de Cabeça e Pescoço XI Congresso Brasileiro de Fonoaudiologia em Cirurgia da Cabela e Pescoço. Description of modified Anatomy of larynxes after oncological treatment. 2017. (Congresso).

Semana Nacional do Cérebro, International Calendar Events - BAW. MURAL Karaoke: Um pequeno resgate de memórias musicais Oficina 8. 2016. (Congresso).

Semana Nacional do Cérebro, International Calendar Events - BAW. Tarefa de Stroop. 2016. (Congresso).

Semana Nacional do Cérebro, International Calendar Events - BAW. Reconstruindo o assunto - Oficina 7. 2016. (Congresso).

Semana Nacional do Cérebro, International Calendar Events - BAW. A memória e a atuação da Terapia Ocupacional: métodos e ferramentas para a melhora da memória.. 2016. (Congresso).

Semana Nacional do Cérebro, International Calendar Events - BAW.A Roda da memória. 2016. (Simpósio).

Semana Nacional do Cérebro, International Calendar Events - BAW.Sequência: Teste sua memória. 2016. (Oficina).

Semana Nacional do Cérebro, International Calendar Events - BAW.O Museu 3D promovendo lembranças!. 2016. (Oficina).

?Sábado da Ciência ? Genética Nossa de Cada dia?,.Construindo a Face. 2015. (Encontro).

12º Congresso de Extensao da UFRJ. MUSEU 3D NA PROMOÇÃO DA SAÚDE: ALIMENTAÇÃO INFANTIL E O SOBREPESO (EDUCAÇÃO),. 2015. (Congresso).

12º Congresso de Extensão UFRJ. Raciocina Guri!. 2015. (Congresso).

12º Congresso de Extensão UFRJ.MUSEU 3D PROMOVENDO SAÚDE ? O GRITO E SUAS CONSEQUÊNCIAS MORFOFUNCIONAIS (EDUCAÇÃO),. 2015. (Oficina).

FESBE 2015. A tridimensionalidade do vírus Chikungunya - Uma divulgação Educacional e Científica. 2015. (Congresso).

IV Semana Nacional do Cérebro, International Calendar Events - BAW.Oficina Quebra cabeça do cérebro - do Projeto Racione guri!. 2015. (Oficina).

Sábado da Ciência:Oficina: Embrião de galinha: O meu coração bate por você..Sangue Bombeando Conhecimento. 2015. (Oficina).

Semana Nacional de Ciências e Tecnologia - SNCT. O Museu 3D focado na Luz. 2015. (Congresso).

VI Encontro de Extensão do Instituto de Ciencias Biomédicas: ICB de Portas Abertasrtas.Oficina 12 - Células tronco da medula ossea. 2015. (Encontro).

11° Congresso de Extensão da UFRJ (trab 1). O Uso do Acervo em 3D para auxiliar o entendimento em saúde. 2014. (Congresso).

11° Congresso de Extensão da UFRJ (trab 2). Museu 3D: Uma nova visão para a inclusão socil do estrábico. 2014. (Congresso).

9º Encontro Saúde e Educação para a Cidadania da UFRJ .Inclusão Escolar: Políticas Públicas e Práticas Intersetoriais.Conhecendo o Coração: Estrutura, funcionamento e uma didática diferenciada. 2014. (Encontro).

Encontro de Extensão do Instituto de Ciências Biomédicas.coração. 2014. (Encontro).

III Semana Nacional do Cérebro -Diferentes Visões do Mundo e III Semana NacioNal do Cérebro.Percepção de Nossas Origens (Oficina). 2014. (Oficina).

II Olimpíada de Neurociências do Rio de Janeiro(elaborador de imagens fotográficas para a prova de Histologia). Membro da Comissão Julgadora do Rio de Janeiro. 2014. (Olimpíada).

MAST - III Seminário Internacional Cultura Material e Patrimônio de C & T.Museu 3D ? Diálogos entre Extensão e C&T. 2014. (Simpósio).

Semana Nacional de Ciência e Tecnologia.O Museu 3D Protagonizando o Desenvolvimento Social - vOCE SABIA?. 2014. (Encontro).

XXXVI Jornada Giulio Massarani de Iniciação Científica, Artística e Cultural. O ciclo celular e a Telomerase. 2014. (Congresso).

XXXVI Jornada Giulio Massarani de Iniciação Científica, Artística e Cultural. Conhecendo o coração: Estruturas e funcionamento em uma didática diferenciada. 2014. (Congresso).

XXXVI Jornada Giulio Massarani de Iniciação Científica, Artística e Cultural. Uma nova perspectiva pedagógica e social sobre a má formação da face. 2014. (Congresso).

XXXVI Jornada Giulio Massarani de Iniciação Científica, Artística e Cultural. O ensino do olho sob uma nova perspectiva pedagógica. 2014. (Congresso).

4ª Semana de Integração Acadêmica da UFRJ: 10º Congresso de Extensão da UFRJ. Reconstrução Educacional: A Modelagem auxiliando o ensino do desenvolvimento de um órgao. 2013. (Congresso).

Conhecendo a UFRJ.O Projeto de Extensão Museu 3D. 2013. (Simpósio).

Divulgação Científica em Saúde na Escola Municipal Paulo Freire.Memória e Saúde - Como anda a saúde da sua memória?. 2013. (Encontro).

Divulgação Científica na Escola Pública,/Fundação Municipal de Educação. Como funciona o seu coração?. 2013. (Feira).

I Olimpíada de Neurociências do Rio de Janeiro. Membro da Comissão Julgadora do Rio de Janeiro e Elaborador da prova e imagens de Histologia) Pro. 2013. (Olimpíada).

IV Encontro de Extensão do Instituto de Ciências Biomédicas.Oficina 7(OF7) -O Coração - Uma Demonstração Científica e Educacional. 2013. (Encontro).

Minissimpósio. 2013. (Simpósio).

Programa Saude e Educação em Escolas Públicas. Formação Continuada de Educadores.Palestra - Memória e Neuroeducação .. 2013. (Encontro).

Semana Nacional de Ciência e Tecnologia. O Museu 3D no Coração do Ser. 2013. (Feira).

Semana Nacional do Cérebro: São tantas Emoções.Museu 3D mostra O Cérebro - Uma Visão Comparativa (VisiLab). 2013. (Oficina).

Simpósio sobre Metodologias Educacionais.METODOLOGIAS EM SALA DE AULA:AULAS PRÁTICAS E DEMONSTRAÇÕES. A JORNADA DE EMBRIOLOGIA. 2013. (Simpósio).

VIII Encontro Saúde e Educação para a Cidadania.Oficina n.1 (OF1)-Memoria no ensinar e no aprender. 2013. (Oficina).

VIII Encontro Saúde e Educação para a Cidadania.Oficina OF6 - Meus órgãos sexuais ,minha responsabilidade. 2013. (Encontro).

XXXVI Jornada Giulio Massarani de Iniciação Cientifica, Artística e Cultural. Pulmão: Uma resposta inflamatória decorrente do excesso de zinco. 2013. (Congresso).

IV Jornada de Pesquisa e Extensão de Macaé/UFRJ. O Projeto de Extensão Museu 2D. 2012. (Congresso).

Semana Nacional de Ciência e Tecnologia. O Museu 3D ligado no Planeta. 2012. (Congresso).

XXXIV Jornada Giulio Massarani de Iniciação Cientifica, Artística e Cultural. Catálogo do Museu 3D - Tomo I - O Resgate da História do uso de peças Tridimensionais no Ensino de Ciências.. 2012. (Congresso).

Encontro Presencial do Curso de Extensão em EAD com ênfase na Tutoria CEDERJ. 2011. (Encontro).

II Encontro de Extensão do ICB.Projeto Museu 3D: participando no Ensino Médio. 2011. (Encontro).

XXXIII Jornada Giulio Massarani de Iniciação Cientifica, Artística e Cultural. Museu 3D - A Capacidade de Aprender conceitos biomédicos através de modelos tridimensionais. 2011. (Congresso).

XXXIII Jornada Giulio Massarani de Iniciação Cientifica, Artística e Cultural. Identificação de Proteínas Inflamatórias em Amiloidose Pulmonar Causado pelo Modelo de Hiperzincemia. 2011. (Congresso).

I Encontro de Extensão do ICB.Projeto Museu 3D. 2010. (Encontro).

BIO DROPS - XIII Biosemana.O Museu 3D(Lightining Talk). 2009. (Encontro).

Simpósio de Direito Ambiental e Bioética.Aborto de Feto Anencefalo (Allegretto, minuetto, adaggio). 2008. (Simpósio).

SIMPOSIO DE ONCOBIOLOGIA. 2008. (Simpósio).

XXIII FESBE. ID 3532-1. Amiloidose obtida em modelo de hiperzincemia e analisada pelo método do permanganato de potássio. 2008. (Congresso).

I SIMPÓSIO DE ONCOBIOLOGIA.Histopathological Alterations Associated With Excessive Doses The Sulphate Zinc. 2007. (Simpósio).

XXI Congress of the Brazilian Society for Microscopy and Microanalysis. Histopathologycal Alterations Asspciated with Excessive Doses of zinc Sulphate. 2007. (Congresso).

XXII Reunião Anual da FESBE. COD. 13.015 - Comprometimento comportamental, metabólico e histopatológico causado pelo excesso de zinco.vol.1; p. 87. 2007. (Congresso).

Perspectives in Brazilian Development Biology (9th Meeting of the Unesco Chair. 2006. (Simpósio).

XIII Congresso da Sociedade Brasileira de Biologia Celular. IX Simpósio Brasileiro de Matriz Extracelular, IV International Symposium on Extracellular Matrix. Administration of the Excessive Doses of Zinc Sulfate Results in Histophatological Alterations in the Nervous Tissue and Pineal Gland. 2006. (Congresso).

XXII Congresso Brasiliero de Anatomia, XXVII Congresso Chileno de Anatomia e VII Congresso de Anatomía Del Cono Sur. Hiperzincemia:A Busca por um Modelo Dose-Efeitos em Ratos em Desenvolvimento. 2006. (Congresso).

II Encontro de Oncobiologia.Modelo Experimental de Hiperzincemia.Efeitos na Glandula Pineal e em outras áreas cerebrais. 2005. (Encontro).

XX Congress of the Brazilian Society for Microscopy and Microanalises. The Effect of the Hyperzincemy in the Rat pineal Gland and Brain tissue. 1-Symptoms and Amyloid Depositions. 2005. (Congresso).

XX Congress of the Brazilian Society for Microscopy and Microanalysis. Experimental Models of Hyperzincemie in Pineal Gland. 2005. (Congresso).

XXVII Jornada Giulio Massarani de Iniciação Cientifica, Artistica e Cultural da UFRJ. Determinação de um modelo experimental de hiperzincemia na glandula pineal. 2005. (Congresso).

XXVII Jornada Giulio Massarani de Iniciação Científica, Artistica e Cultural da UFRJ. Analise da Sintomatologia e de Achados Histopatologicos na glandula Pineal e outros Tecidos Cerebrais de Ratos Modelos Experimentais de Hiperzincemia. 2005. (Congresso).

XII Congresso da Sociedade Brasileira de Biologia Celular e IX Congresso da Sociedade Iberoamericana de Biologia Celular. Distribution of Elastic fiber System in the rat Pineal Gland. 2004. (Congresso).

XIX Reunião Anual da Federação de Sociedades de Biologia Experimental. Formação Fibrosa no Desenvolvimento da Glandula PIneal. 2004. (Congresso).

XIX Reunião Anual da Federação de Sociedades de Biologia Experimental. Determinação de um Modelo Experimental de Hiperzincemia na Glandula Pineal. 2004. (Congresso).

XIX Reunião Anual da Federação de Sociedades de Biologia Experimental.Determinação de um Modelo Experimental de Hiperzincemia na Glandula Pineal. 2004. (Seminário).

XIX Reunião Anual da Federação de Sociedades de Biologia Experimental-FESBE. Células Glicogênio Positivas na Pineal de Ratos em Desenvolvimento e ASdultos. Aspectos Morfológicos e Morfométricos. 2004. (Congresso).

XVIII Reunião Anual da Federação de Sociedades de Biologia Experimental. Estudo Histoquimico e Morfomético da Pineal de Ratos. 2003. (Congresso).

XVII Reuniao da FESBE. XVII Reuniao da FESBE. 2002. (Congresso).

XV Reunião Anual da Federação de Sociedade de Biologia Experimental. Projeçõe Aferentes e Eferentes da Glandula Pineal Durante o Desenvolvimento. 2002. (Congresso).

III Simposio de Neuroimunologia.Aferencias e Eferencias em Pineais de Ratos em estagios Iniciais do desenvolvimento Pos-Natal. 2001. (Simpósio).

XVI Reuniao da FESBE. XVI Reuniao da FESBE. 2001. (Congresso).

XXIII Jornada de Iniciação Científica e Jornada de Iniciação Artistica e Cultural. Estudo Imunocitoquimico da expressão da Glicosaminoglicana Sulfatada Condroitin Sulfato (CS) nas Células da Glanmdula Pineal. 2001. (Congresso).

XXIII Jornada de Iniciação Cientifica XIII Jornada de Iniciação Artistica e Cultural. Caracterização e Determinação da Idade de Maturação d Astrocitos em Cultura Primaria de Celulas da Pineal de Ratos. 2001. (Congresso).

XV Reuniao da FESBE. Estudo Imunocitoquimico da Expressão de Condroitin Sulfato (CS) nas Células da Glandula Pineal. 2000. (Congresso).

XXII Jornada de Iniciação Cientifica e Cultura e XII Jornada de Iniciação Artistica e Cultural. Estudo das Projeções Aferentes e Eferentes da Glandula Pineal durante o Desenvolvimento. 2000. (Congresso).

1 Workshop em Microscopia e Morfometria. 1999. (Simpósio).

XIV Reuniao da FESBE. A Tecnica da Lectina Biotinilada (LEL) para Marcação Histoquimica na Glandula Pineal. 1999. (Congresso).

XXI Jornada de Iniciação Cientifica e XI Jornada de Iniciação Artistica e Cultural. Analise Histoquimica da Glandula Pineal de Ratos atraves da Lectina de Tomate Biotinilada. 1999. (Congresso).

Encontro Fluminense da Sociedade Brasileira de Microscopia e Microanálise,. 1998. (Encontro).

XIII Reuniao da FESBE. Glandula Pineal ; talhes Hstoquimicos. 1998. (Congresso).

XX Jornada de Iniciação Cientifica e X Jornada de Iniciação Artistica e Cultural. Estudo Histoquimico da Glandula Pineal de Ratos. 1998. (Congresso).

XII Reunião da FESBE. Estudo Morfológico da Glandula Pineal. 1997. (Congresso).

XIX Jornada de Iniciação Científica e IX Jornada de Iniciação Artistica e Cultural. Avaliação Morfologica e Citoquimica do parenquima Pineal. 1997. (Congresso).

II Simpósio de Citoquímica Ultra-Estrutural,.II Simpósio de Citoquímica Ultra-Estrutural, Sociedade Brás.de Microscopia Eletrônica. 1996. (Simpósio).

XVIII Jornada Interna de Iniciação Científica e VIII Jornada Interna de Iniciação Artística e Cultural.. Morfologia das Celulas e Sinapses da Glandula Pineal. 1996. (Congresso).

* XV Coloquio da Soc.Bras.de Microsc.Eletronica.XV Coloquio da Soc.Bras.de Microsc.Eletronica. 1995. (Simpósio).

3RD International Conf. Electron Microscopy, XV Meeting Brazilian Soc. Electron Microscopy. 3RD International Conf. Electron Microscopy, XV Meeting Brazilian Soc. Electron Microscopy. 1995. (Congresso).

VII Reunião da FESBE. VII Reunião da FESBE. 1992. (Congresso).

*THIRD IBRO World Congress of Neuroscience. THIRD IBRO World Congress of Neuroscience. 1991. (Congresso).

II Congresso do Instituto de Biofísica Carlos Chagas Filho,. Alterações Estruturais em Sinapses das Camadas Retino-recipientes do Colículo Superior. 1991. (Congresso).

I SOVIET-Fluminense Meeting in Neuroscience. Structural Changes in Synapses of Retino Recipient Sites of the Superior Colliculus during Development. 1990. (Congresso).

V Reunião da FESBE. V Reunião da FESBE. 1990. (Congresso).

I Congresso do Inst. de Biofísica Carlos Chagas Filho. I Congresso do Inst. de Biofísica Carlos Chagas Filho. 1989. (Congresso).

III Reunião Anual da FESBE. III Reunião Anual da FESBE. 1988. (Congresso).

Simpósio sobre Citoquímica Ultraestrutural.Categorização Morfológica das Sinapses do colículo Superior de Gambás através do Método do E-PTA. 1988. (Simpósio).

II Reunião Anual da Federação das Sociedades de Biologia Experimental. Categorização de Junções Sinápticas no Coliculo Superior em Desenvolvimento. 1987. (Congresso).

1º Encontro Regiona Sul de Anatomia. 1986. (Congresso).

V Congresso Brasileiro de Biologia Celular e III Congresso Ibero-americano de Biologia Celular. Formação Fibrosa na Cornea Embrionária de Gallus gallus: Uma estrutura de resistencia Constituida de Fibras Oxitalanicas. 1986. (Congresso).

Semana do XXIII Aniversário do Hospital Universitário Pedro Ernesto -UERJ.Estudo Histoquímico em Córneas de Embriões de Gallus gallus. 1985. (Encontro).

I Encontro Científico do Instituto de Biologia, UERJ.Estudo sobre as afinidades tintoriais das fibras oxitalâmicas em embriões de Gallus gallus dom.L. 1984. (Encontro).

III Simpósio Brasileiro de Raiva e I Encontro de Especialistas em Zoonoses da - Região Sudeste. 1984. (Simpósio).

IV Congresso Brasileiro de Biologia Celular.. Estudo sobre as Afinidades Tintoriais das Fibras Oxitalanicas em Embriões de G.Gallus. 1984. (Congresso).

III Semana Científica da Faculdade de Medicina da UFF,. 1978. (Encontro).

III Semana de Biologia do Rio de Janeiro.. 1978. (Encontro).

IV Jornada de Integração da Sociedade de Patologia Clínica do Estado do Rio de Janeiro. 1978. (Simpósio).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

Aluno: Beatriz Carvalho da Fonseca

LANNES, D. R. C.; OLIVEIRA, R. M.; PIRES, E. U.; Correa-Gillieron, EM; MELIBEU, A. C. F.. Elaboração e Análise de um Programa de Estimulação Cognitiva. 2018. Dissertação (Mestrado em Programa de Mestrado em educação, Gestão e Difusão em Biociências) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Luciane Matos de Moraes

CORREA-GILLIERON, E.M. Desenvolvimento e avaliação de podcasts de divulgação científica para o ensino médio. 2014. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Educação,Gestão e Difusão em Ciencias) - Inst. de Bioquímica Médica Leopoldo d Meis.

Aluno: Jurema Silva Aguiar Bastos,

CORREA-GILLIERON, E.M. Ocorrencia de Fibrose na Membrana Sinovial de Ratos Wistar nas Fases Aguda, Subaguda e Crônica do Diabetes mellitus. 2003. Dissertação (Mestrado em Pos-Graduação em Morfologia) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

Aluno: Mildred Ferreira Medeiros

Ferreira-Medeiros,M..CORREA-GILLIERON, E.M. A glândula pineal durante o desenvolvimento e no rato adulto.Aspectos histoquímicos,imunocitoquímicos e estereológicos. 2002. Dissertação (Mestrado em Pos-Graduação em Morfologia) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

Aluno: Cristiano Cosme Nascimento Franco Sá

CORREA-GILLIERON, E.M. Efeito de Restrição Protéica Severa na Primeira Metade da Lactação sobre as Características Histológicas, Histoquímica e Morfométrica das Ilhotas Pancreáticas de Ratos Wistar desde o Nascimento até a Idade Adulta. 2000. Dissertação (Mestrado em Pos-Graduação em Morfologia) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

Aluno: Vera Lúcia P

CORREA-GILLIERON, E.M. Vianna. Alterações no Hepatócito de Hamster Submetido à Infecção Crônica por Formas Amastigotas de Leihmania donovani. 1998. Dissertação (Mestrado em Patologia) - Universidade Federal Fluminense.

Aluno: Sonia Oliveira Souza

CORREA-GILLIERON, E.M. Estudo Histológico, Histoquímico e Ultraestrutural das Vias Biliares Intra-hepáticas na Esquistossomose Mansônica Murina,. 1998. Dissertação (Mestrado em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Márcia de Berrêdo Pinho

CORREA-GILLIERON, E.M. Papel dos Gangliosídeos 9-0-acetilados na Migração Neuronal durante o Desenvolvimento do Cerebelo de Ratos. 1997. Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas (Biofísica)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Nádia Campos de Oliveira Miguel

CORREA-GILLIERON, E.M. Alterações Ultra-estruturais do Hepatócito de Rana Catesbeiana Induzidas pelo Tordon 2,4-D e Aldrin 250. 1997. Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas (Biofísica)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Lidia Cristina Villela Ribeiro

CORREA-GILLIERON, E.M. Estudo Ultraestrutural da Degeneração e Regeneração das Fibras Nervosas do Nervo Sural do Rato: Análise Morfológica e Citoquímica para Cálcio. 1994. Dissertação (Mestrado em Patologia (Anatomia Patológica)) - Universidade Federal Fluminense.

Aluno: Lídia Márcia S

CORREA-GILLIERON, E.M. Santos. Estudo Histológico da Estrutura Visual do Camarão de água doce Macrobachium rosenbergii. 1993. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Bacharelado em Zoologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Vinícius Maciel

CORREA-GILLIERON, E.M; RUMPANEK, V.. Análise das barreiras encontradas por surdos no contexto da inclusão social no ingresso e permanência no ensino superior. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas: Modalidade Médica) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Bruna Freitas Gonçalves

CORREA-GILLIERON, E.MFerreira-Medeiros,M... (Bacharelado) A tridimensionalidade aplicada ao ensino semi-presencial. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas - Licenciatura Ou Bacharelado) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: David Oliveira

CORREA-GILLIERON, E.M; PAVAO, V.. O Ensino Prático em Fonoaudiologia através de modelos tridimensionais. Uma alternativa promissora. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Gilberto Augusto Teixeira Dalboni de Lima

CORREA-GILLIERON, E.M. (Bacharelado) Impacto de eventos hipóxico-iquêmicos perinatais no desenvolvimento do cerebelo. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciencias Biologicas modalidade Médica) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Talita de Souza da Silva

SILVA-SOUZA, T.;CORREA-GILLIERON, E.M. (Bacharelado) O íon zinco ? Seu papel e concentração. Uma expectativa no sistema auditivo. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Caroline Ferezin Pinto

Ferezin-Pinto, C.;CORREA-GILLIERON, E.M. (Bacharelado) Administração de uma Dose Excessiva de Sulfato de Zinco - Influencia no Comportamento e metabolismo. II - Alterações histopatológicas. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Bacharelado em Genética) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Aluno: Nuria Sales

CORREA-GILLIERON, E.M; Reis, LFF. (Bacharelado) Comportamental avaliada no Labirinto de Campo Aberto em Modelo Experimental submetido ao excesso de sulfato de zinco. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Bacharelado em Fisioterapia) - Centro Universitário Augusto Motta.

Aluno: Ingrid Cardoso Coutinho

Coutinho I. C.;CORREA-GILLIERON, E.M. Analise de astrocitos Pineais de rato.Um estudo in vitro e in situ durante o desenvolvimento pos-natal. 2002. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas - Zoologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

CORREA-GILLIERON, E.M. Membro da Comisão Julgadora no concurso-Professor temp.Expansão (HISTOLOGIA).Medicina.Campus Macaé.. 2012. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

CORREA-GILLIERON, E.M. Membro da Comissão Julgadora do Processo Seletivo Professor -EDITAL DOU 142-SETORIZAÇÃO HISTOLOGIA. 2011. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Correa-Gillieron, EM. Membro Comissão Julgadora no Concurso Publico para Classe Professor Assistente Histologia e Embriologia. 2006. Universidade Federal Fluminense.

CORREA-GILLIERON, E.M. Membro Coimissão Julgadora - Concurso para Prof. Assistente no Depto Histologia e Embriologia. 1999. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

CORREA-GILLIERON, E.M. Membro da Comissão Julgadora - Concurso para Professor Auxiliar no Depto de Histologia e Embriologia. 1997. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

CORREA-GILLIERON, E.M. Membro da Comissão Julgadora - Concurso para Prof. Substituto. 1994. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

CORREA-GILLIERON, E.M. Membro da Comisão Julgadora - Concurso para Docente na Dsciplina Fundamentos Biológicos e Histologia. 1992. Escola Superior Helena Antipoff-Sociedade Pestalozzi.

CORREA, E. M.. Membro Avaliador na Exposição Histologia e Subjetividade. 2013. Instituto de Microbiologia professor Paulo de Goes.

CORREA-GILLIERON, E.M; LANNES, D. R. C.; MELIBEU, A. C. F.; OLIVEIRA, R. M.; PIRES, E. U.. Elaboração e Análise de um Programa de Estimulação Cognitiva - PEC. 2018. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

CORREA-GILLIERON, E.M. FISSURA LABIOPALATINA: INFORMAÇÃO E PROMOÇÃO DE SAÚDE NA PALMA DA MÃO - 15ª semana Cientifica HESFA. 2018. iNSTITUTO DE ATENÇÃO A SAUDE SÃO FRANCISCO DE ASSIS.

Correa-Gillieron, EM. Revisora da Monografia: Estudo Morfológico das Otoconias durante o Desenvolvimento de Orgãos Vestibulares em aves. 2016. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

CORREA-GILLIERON, E.M. Avaliadora de Bolsa de Extensão Universitária - PIBEX. 2014. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

CORREA-GILLIERON, E.M. Prof.Avaliador - XXXII Jornada Giulio Massarani de Iniciação Cientifica,Artistica e Cultural. 2010. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

CORREA-GILLIERON, E.M. Prof.Avaliador - XXIX Jornada Giulio Massarani de Iniciação Científica, Artística e Cultural da UFRJ. 2007. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

CORREA-GILLIERON, E.M. Membro da Comissão para Formação do Laboratório Central do Depto de Histologia e Embriologia. 2006. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

CORREA-GILLIERON, E.M. Membro da Banca Avaliadora do Projeto Tese: Caracterização Morfologica da Ilhota Pancreatica de Ratos wistar adultos desnutridos no periodo de lactação. 1999. Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

CORREA-GILLIERON, E.M. Profa. Avaliador - Primeira Amostra da Visão em Embriologia para Farmácia. 1999. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

CORREA-GILLIERON, E.M. Profa.Avaliadora - II Jornada Interna da disciplina de Anatomia para a Educação Física. 1999. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

CORREA-GILLIERON, E.M. Prof. Avaliador na XIX Jornada Interna de Iniciação Cientifica e IX Jornada Interna de Iniciação Artistica e Cultural. 1997. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

CORREA-GILLIERON, E.M. Presidente de Sessão - XVI Jornada Interna de Iniciação Científica. 1994. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

CORREA-GILLIERON, E.M. Presidente de Sessão-XIV Jornada Interna de Iniciação Científica. 1992.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Orientou

Carla Aldrin

Portifolio DO mUSEU 3d; Início: 2019; Dissertação (Mestrado profissional em Mestrado Profissional em Educação, Gestão e Difusão em Ciências) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; (Orientador);

David de Oliveira

Ação Educacional Interativa E Especial Ao Aluno Com Baixa Visão (Pré-Projeto defendido em 2016); Início: 2017; Dissertação (Mestrado profissional em Mestrado em Educação,Gestão e Difusão em Ciencias) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; (Orientador);

Isabel de Araujo Rabello

Métodos e técnicas de potencialização da aprendizagem com foco na neuroplasticidade cerebral desenvolvida na primeira infância; ; Início: 2017; Dissertação (Mestrado profissional em Mestrado em Educação,Gestão e Difusão em Ciencias) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; (Orientador);

Renan Carlos da Silva

A Prática De Gerenciamento De Projetos Aplicada A Divulgação Cientifica e Extensão (Pré-Projeto defendido em 2016); Início: 2017; Dissertação (Mestrado profissional em Mestrado Profissional em Educação, Gestão e Difusão em Ciências) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; (Orientador);

Suzana Lima do Amaral Almeida

Projeto de Extensão Museu 3D; Início: 2018; Iniciação científica (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; (Orientador);

Julia Fidelis da Silva

? Projeto De Extensão Museu 3D - Na Pesquisa Científica; Início: 2017; Iniciação científica (Graduando em Ciências Biológicas: Modalidade Médica) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; (Orientador);

Cassia Christina Campos de Souza

O Projeto Museu 3D; Início: 2017; Iniciação científica (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; (Orientador);

Amanda Ricardo de Oliveira

O Projeto Museu 3D; Início: 2017; Iniciação científica (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; (Orientador);

Bárbara Coelho dos Santos

Projeto Racione guri!; Início: 2017; Iniciação científica (Graduando em Terapia Ocupacional) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; (Orientador);

Anne Francis Pelluzzo

Projeto Racione guri!; Início: 2017; Iniciação científica (Graduando em Terapia Ocupacional) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; (Orientador);

Marcia Gloria Ribeiro Guimarães

Projeto De Extensão Museu 3D - Núcleo Raciocina Guri; Início: 2017; Iniciação científica (Graduando em Terapia Ocupacional) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; (Orientador);

Rodolfo Oliveira da Silva

O Projeto Museu 3D; Início: 2017; Iniciação científica (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; (Orientador);

Gabriela Souza de Oliveira

O Projeto Museu 3D; Início: 2017; Iniciação científica (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; (Orientador);

Livia Guedes Gomes

O Projeto Museu 3D; Início: 2017; Iniciação científica (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; (Orientador);

Victoria Mariana Freitas de Lima

O MUSEU 3D aplicado ao ensino médio; Início: 2017; Iniciação científica (Graduando em Ensino Medio) - Colegio de Aplicação da UFRJ, CNPQ; (Orientador);

Amanda Ribeiro de paula

Projeto de Extensão Museu 3D; Início: 2017; Iniciação científica (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; (Orientador);

Jaqueline dos Santos Freitas

O Projeto Museu 3D; Início: 2017; Iniciação científica (Graduando em Ciencias Biologicas modalidade Médica) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; (Orientador);

Jullie Anne Gomes Sales

O Projeto Museu 3D; Início: 2017; Iniciação científica (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; (Orientador);

Camille Alves Caetano Resende do Prado

Projeto De Extensão Museu 3D - Na Pesquisa Científica; Início: 2017; Iniciação científica (Graduando em Ciencias Biologicas modalidade Médica) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; (Orientador);

Pedro Hentique Andrade Clemente

O Projeto Museu 3D Aplicado ao Ensino Médio; Início: 2017; Iniciação científica (Graduando em Ensino Medio) - Colegio de Aplicação da UFRJ; (Orientador);

Martha Gonçalves Guedes Nascimentou

Projeto de Extensão Museu 3D; Início: 2017; Iniciação científica (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; (Orientador);

Larissa Antunes Alves

O Projeto Museu 3D; Início: 2017; Iniciação científica (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; (Orientador);

Bianca Franchini

Projeto De Extensão Museu 3D - Núcleo Raciocina Guri; Início: 2017; Iniciação científica (Graduando em Terapia Ocupacional) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; (Orientador);

Camila Vieira de Oliveira Cunha

Projeto De Extensão Museu 3D - Núcleo Raciocina Guri; Início: 2017; Iniciação científica (Graduando em Terapia Ocupacional) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; (Orientador);

Gabriel Nunes da Costa

O Projeto Museu 3D; Início: 2017; Iniciação científica (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; (Orientador);

Maria Clara Menezes da Silva

O Projeto Museu 3D; Início: 2017; Iniciação científica (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; (Orientador);

Juliana Schvenek Rolim

Projeto De Extensão Museu 3D - Núcleo Raciocina Guri; Início: 2017; Iniciação científica (Graduando em Terapia Ocupacional) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; (Orientador);

Beatriz Gonçalves de Almeida Pinagé

Projeto de Extensão Museu 3D; Início: 2017; Iniciação científica (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; (Orientador);

Maria da Graça de santana Stalle

Projeto: O Museu 3D no Ensino de Ciências Biomédicas - Pedagógico; Início: 2017; Iniciação científica (Graduando em Artes Visuais - Escultura) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; (Orientador);

Thaís Caroline Vieira Malagolle

Projeto de Extensão Museu 3D; Início: 2017; Iniciação científica (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; (Orientador);

Cristiane Moraes de Souza

O Projeto Museu 3D; Início: 2017; Orientação de outra natureza; Universidade Federal do Rio de Janeiro; (Orientador);

Caroline Ferezin Pinto

INVESTIGAÇÕES MINERALÓGICAS, HISTOPATOLÓGICAS E ULTRAESTRUTURAL USANDO O MODELO EXPERIMENTAL DE HIPERZINCEMIA EM RATAS JOVENS; 2010; Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Elenice Maria Correa;

Mildred Ferreira Medeiros

A Glandula Pineal durante o Desenvolvimento no Rato adulto; aspectos histoquimicos,imunocitoquimicos e estereologicos; 2002; 0 f; Dissertação (Mestrado em Pos-Graduação em Morfologia) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Elenice Maria Correa;

Fernanda Ribeiro

Avaliação da atividade motora após hiperzincemia e determinação da frequência auditiva em ratas jovens; 2016; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Fisioterapia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

BRUNA F

Gonçalves; A tridimensionalidade associada ao ensino semipresencial; 2015; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Ciências Biologicas - modalidade Ensino a Distância) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

David de Oliveira

O Ensino Prático em Fonoaudiologia através de modelos tridimensionais; Uma alternativa Promissora; 2013; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Talita de Souza da Silva

O papel do excesso de zinco no Sistema Auditivo; I - As conexinas envolvidas; II- As relaçõe com perdas auditivas; 2012; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Caroline Ferezin Pinto

Administração de uma Dose Excessiva de Sulfato de Zinco - Influencia no Comportamento e metabolismo; Ii-Alterações histopatológicas; 2007; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Bacharelado em Genética) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Nuria Silva Sales

Análise Comportamental avaliada no Labirinto de Campo Aberto em Modelo Experimental submetido ao excesso de sulfato de zinco; 2007; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Bacharelado em Fisioterapia) - Centro Universitário Augusto Motta; Orientador: Elenice Maria Correa;

Ingrid Coutinho

Analise de astrocitos Pineais de rato; Um estudo in vitro e in situ durante o desenvolvimento pos-natal; 2002; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Bacharelado em Zoologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ; Orientador: Elenice Maria Correa;

Mildred Ferreira Medeiros

Caracterização Histológica e Histoquimica da Matriz Extracelular da Glandula Pineal de Ratos; 1999; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Bacharelado em Genética) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Natali Cristina Batista Souza

Projeto: O Museu 3D no Ensino de Ciências Biomédicas - Pedagógico; 2018; Iniciação Científica; (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Rafael da Silva Pizzo Cardoso

Projeto de Extensão Museu 3D; 2018; Iniciação Científica; (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Beatriz Nascimento Gonçalves

O Projeto Museu 3D; 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Bárbara Coelho dos Santos

O Projeto Museu 3D; 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Terapia Ocupacional) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Anne Francis P

Pelluzzo; O Projeto Museu 3D; 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Terapia Ocupacional) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Pedro Henrique Andrade Clemente

O MUSEU 3D aplicado ao ensino médio; 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Ensino Medio) - Colegio de Aplicação da UFRJ, CNPQ; Orientador: Elenice Maria Correa;

Diamantina Maria F de Carvalho

Projeto De Extensão Museu 3D - Núcleo Raciocina Guri; 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Terapia Ocupacional) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Thays Corrêa Veiga

Projeto de Extensão Museu 3D; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Camila da Silva Conceição

Projeto de Extensão Museu 3D; 2016; Iniciação Científica - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Caroline Nascimento Santana

Projeto de Extensão Museu 3D; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Terapia Ocupacional) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Tainá Cristina de Castro Soeiro

Projeto de Extensão Museu 3D; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Terapia Ocupacional) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Tereza Diniz

O Projeto Museu 3D; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Artes Visuais - Escultura) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Julia Venegas Claassen

O Museu 3D no Ensino de Ciências Biomédicas - Pedagógico ( designer grafico); 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Ensino Médio no CAP-UFRJ) - Colegio de Aplicação da UFRJ, CNPQ; Orientador: Elenice Maria Correa;

Nicolle Oliveira Toméu

O Projeto Museu 3D; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Nathália Pereira Bastos

O Projeto Museu 3D; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Cristiane Moraes de Souza

O Projeto Museu 3D; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Lohane da Silva Novega

O Projeto Museu 3D; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Terapia Ocupacional) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Giovanna Dettimann Carnevale

O Projeto Museu 3D; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Nathália Cristina Dias de Almeida

O Projeto Museu 3D; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Evelyn Tavares Machado

O Projeto Museu 3D; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Terapia Ocupacional) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Camila Correa Roza Laeber

O Projeto Museu 3D; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Ensino Medio) - Colegio de Aplicação da UFRJ, CNPQ; Orientador: Elenice Maria Correa;

Camila Vieira de Oliveira Cunha

O Projeto Museu 3D; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Terapia Ocupacional) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Tiago Veiga

O Projeto Museu 3D; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Beatriz Nascimento Gonçalves

O Projeto Museu 3D; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Natali Cristina Batista Souza

O Projeto Museu 3D; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Luiz Gabriel A

de Barros; O Projeto de Extensão Museu 3D; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Ensino Medio) - Colegio de Aplicação da UFRJ, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Elenice Maria Correa;

Viviane Gomes da Silva

Projeto de Extensão Museu 3D; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, PIBEX; Orientador: Elenice Maria Correa;

Natália Moura da Silva

Projeto de Extensão museu 3D; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Stéphanie Santana Couto de Azevedo

Projeto de Extensão Museu 3D; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Jorge Agostinho de Farias Junior

O Projeto Museu 3D; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Samantha dos Santos Rocha

O Projeto Museu 3D; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Fisioterapia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Lara Andrade Gonçalves

A Aplicabilidade do Projeto Museu 3D ao Ensino Fundamental e Médio; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Ensino Medio) - Colegio de Aplicação da UFRJ, PIBIC-EM; Orientador: Elenice Maria Correa;

Caroline Roque Rodrigues

O Projeto Museu 3D; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Ana Flavia Louzada Ferreira

Projeto Extensão Museu 3D; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

João Marcos Valentin Mendes

Projeto Extensão Museu 3D; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Tiago Veiga

O Projeto Museu 3D; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Bruna Rodrigues Castro

O Projeto Museu 3D; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

David de Oliveira

Projeto De Extensão Museu 3D - Na Pesquisa Científica; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Sarah Lamounier Fagundes

Projeto: O Museu 3D no Ensino de Ciências Biomédicas - Pedagógico; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Sarah Lamounier Fagundes

Projeto de Extensão Museu 3D; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Sergio Mascarenhas Morgado

Projeto de Extensão Museu 3D; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Ciencias Biologicas modalidade Médica) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Amanda Maria Vieira salomão

Projeto de Extensão Museu 3D; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Terapia Ocupacional) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Isabela Peçanha Müller

Projeto de Extensão Museu 3D; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Terapia Ocupacional) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Loany Nepomuceno de Britto

Projeto de Extensão Museu 3D; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Terapia Ocupacional) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Rebecca Heinzle Sathler

Projeto de Extensão Museu 3D; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Terapia Ocupacional) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Bruna Freitas Gonçalves

A Resposta inflamatória e formação de agregados protéicos em resposta a uma dose excessiva de zinco: Imolicações para os sistemas respiratorio, renal e nervoso; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências Biológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, PIBIC-UFRJ; Orientador: Elenice Maria Correa;

Larissa Santos de Oliveira

O Projeto de Extensão Museu 3D; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Luiz Eduardo Vieira Silva

Projeto de Extensão Museu 3D; 2013; Iniciação Científica - CAP - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Gilberto Cordeiro da Hora

O Projeto Museu 3D; 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Belas Artes) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, PIBIAC-PR1-UFRJ; Orientador: Elenice Maria Correa;

Carolinne Castro Masseron

Citoarquitetura e matriz extracelular da glândula pineal; (A)Microscopia óptica; (B) Microsopia eletrônica; (C) Estudo das Lectinas; 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Ciencias Biologicas modalidade Médica) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Raquel Alves Madeira

Resposta inflamatória e formação de agregados protéicos em respota a uma dose excessiva de zinco; IMPLICAÇÕES PARA OS SISTEMAS RESPIRATÓRIOS, RENAL E NERVOSO; 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, PIBIC-UFRJ; Orientador: Elenice Maria Correa;

Bruna Freitas Gonçalves

Citoarquitetura e matriz extracelular da glândula pineal (A) Microscopia óptica;(B) Microscopia eletrônica; (C) Estudo das lectinas TICA; (B) MICROSCOPIA ELETRÔNICA; ( C)ESTUDO DAS LECTINAS; ; 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Licenciatura em Ciências Biológicas/Polo N; Iguaçu) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

David de Oliveira

O papel do excesso de zinco no sistema auditivo; I - As conexinas envolvidas; ;II - As relações com a perda auditiva; 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Rafaela Ribeiro da Costa

A Relação entre o Zinco-Sistema Auditivo- Glândula Pineal de animais submetidos a Intoxicação pelo zinco e ao tratamento intensivo por ultra-som; ; 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Raphael Aquino de Mello

Museu 3D como Pesquisa; 2011; Iniciação Científica; (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, PIBIAC-PR1-UFRJ; Orientador: Elenice Maria Correa;

Gabriela Ribeiro Dellamarque

Resposta Inflamatória E Formação De Agregados Protéicos Em Resposta A Uma Dose Excessiva De Zinco: Implicações Para Os Sistemas Respiratórios, Renal E Nervoso; 2011; Iniciação Científica; (Graduando em FARMACIA) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Priscilla dos Santos Januário

Resposta Inflamatória e Formação de Agregados Proteicos em Resposta a uma dose excessiva de zinco: Implicações para os sistemas respiratório, renal e nervoso; ; 2011; Iniciação Científica; (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Raphael Aquino de Mello

Resposta Inflamatória E Formação De Agregados Protéicos Em Resposta A Uma Dose Excessiva De Zinco: Implicações Para Os Sistemas Respiratórios, Renal E Nervoso; 2011; Iniciação Científica; (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Ciro Soares de Lima

Projeto de Extensão Museu 3D; 2011; Iniciação Científica; (Graduando em Escultura) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, PROEXT2010/MEC; Orientador: Elenice Maria Correa;

Thais Perse da Silva

Fisiopatologia da Doença Pulmonar gerada pelo excesso de zinco (hiperzincemia) em ratas adultas jovens; 2011; Iniciação Científica; (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, PIBIAC-PR1-UFRJ; Orientador: Elenice Maria Correa;

Mariana Barros Corrêa

Projeto Museu 3D vai ao Ensino Médio; 2011; Iniciação Científica; (Graduando em Atividade de Iniciação Cientifica Junior) - CAP - Universidade Federal do Rio de Janeiro, PIBIC-EM; Orientador: Elenice Maria Correa;

Lueni Lopes Felix Xavier

Fisiopatologia da Doença Pulmonar gerada pelo excesso de zinco (hiperzincemia) em ratas adultas jovens; 2011; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Gabriela Ribeiro Dellamarque

Resposta Inflamatória E Formação De Agregados Protéicos Em Resposta A Uma Dose Excessiva De Zinco: Implicações Para Os Sistemas Respiratórios, Renal E Nervoso; 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Farmacia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Juliana Boller Gomes

Fisiologia da Doença Pulmonar Gerada pelo Excesso de Zinco (Hiperzincemia) em ratas adultas jovens; 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências Biológicas: Modalidade Médica) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Nuria S

Sales; Hiperzincemia; Ação na Glandula Pineal e Hipocampo; Avaliação da Sintomatologia e da Glia da Pineal; 2009; Iniciação Científica; (Graduando em Fisioterapia) - Centro Universitário Augusto Motta; Orientador: Elenice Maria Correa;

Caroline Ferezin Pinto

Administração de uma Dose Excessiva de Sulfato de Zinco - II-Alterações histopatológicas; 2009; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências Biológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Nuria Silva Sales

Hiperzincemia; Ação na Glandula Pineal e Hipocampo; Avaliação da Sintomatologia e da Glia da Pineal; 2008; Iniciação Científica; (Graduando em Fisioterapia) - Centro Universitário Augusto Motta; Orientador: Elenice Maria Correa;

Bianca Ferreira Gomes

MORFOMETRIA NA PINEAL: (A) ENFOQUE EM CÉLULAS E SINAPSES; (B) ASPECTOS DIANTE DE SITUAÇÕES LIMITES (ESCURO OU CLARO CONSTANTES); (C) ? DESNUTRIÇÃO; ; (D) ASPECTOS MORFOLÓGICOS E MORFOMÉTRICOS DAS CÉLULAS GLICOGÊNIO POSITIVAS NA PINEAL DE RATOS EM DESENVOLVIMENTO E ADULTOS; 2008; Iniciação Científica; (Graduando em Atividade de Iniciação Cientifica Junior) - CAP - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Thiago Rocha da Silva

A glândula pineal e suas neurosecreções; I) Correlação com fitotqrápicos; II) Relação com a metodologia forense; ; 2007; Iniciação Científica; (Graduando em Farmacia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Ana Paula da Silva

Aspectos morfológicos e morfométricos das células glicogênio positivas na pineal de ratos em desenvolvimento e adultos; ; 2007; Iniciação Científica; (Graduando em Ensino Medio) - Colegio de Aplicação da UFRJ; Orientador: Elenice Maria Correa;

Caroline Ferezin Pinto

A GLANDULA PINEAL - TUMOROGÊNESE E NEOPLASIAS METASTÁTICAS; PARTE 1: CORRELAÇÃO COM A MELATONINA;PARTE 2: CORRELAÇÕES COM A EXPRESSÃO DE CONEXINAS; PARTE 3: CORRELAÇÕES COM A DEPOSIÇÃO DE PROTEÍNA AMILÓIDE;; 2007; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências Biológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Nuria Silva Sales

A GLANDULA PINEAL - TUMOROGÊNESE E NEOPLASIAS METASTÁTICAS; PARTE 1: CORRELAÇÃO COM A MELATONINA;PARTE 2: CORRELAÇÕES COM A EXPRESSÃO DE CONEXINAS; PARTE 3: CORRELAÇÕES COM A DEPOSIÇÃO DE PROTEÍNA AMILÓIDE;; 2007; Iniciação Científica; (Graduando em Fisioterapia) - Centro Universitário Augusto Motta; Orientador: Elenice Maria Correa;

Caroline Ferezin Pinto

Os Resultados da Administração de Doses Excessivas de Zinco; Na Glandula Pineal e Areas do Hipocampo; ; 2007; Iniciação Científica; (Graduando em Abi - Ciências Biológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Nuria Silva Sales

A Glândula pineal e agentes toxicológicos; 2006; Iniciação Científica; (Graduando em Fisioterapia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Cláudia Santos Silva

Estudo de Fibras e Formação fibrosa no desenvolvimento da glândula pineal; 2006; Iniciação Científica; (Graduando em Ensino Medio) - Colegio de Aplicação da UFRJ; Orientador: Elenice Maria Correa;

Caroline Ferezin Pinto

Avaliação da Glândula Pineal em correlação com a administração de doses excessivas Zinco e os achados histológicos característicos da doença de Alzheimer; I ? Modelo de Hiperzincemia II - Relação com o Cancer de Pineal; 2005; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Thiago Rocha da Silva

Avaliação da Glândula Pineal em correlação com a administração de doses excessivas Zinco e os achados histológicos característicos da doença de Alzheimer; I ? Modelo de Hiperzincemia; 2005; Iniciação Científica; (Graduando em Farmacia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Caroline Ferezin Pinto

Modelo Animal de Hiperzincemia; I-Análise na Glandula Pineal,Hipocampo e Areas Límbicas; II-Análitica do zinco e seus transportadores; Correlatos com a doença de Alzheimer e o cancer;; III-Analises em Culturas de Células, por PCR e Testes com Fitoterapicos e Substancias naturais; ; 2005; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Thiago Rocha da Silva

Modelo Animal de Hiperzincemia; I-Análise na Glandula Pineal,Hipocampo e Areas Límbicas; II-Análitica do zinco e seus transportadores; Correlatos com a doença de Alzheimer e o cancer;; III-Analises em Culturas de Células, por PCR e Testes com Fitoterapicos e Substancias naturais; ; 2005; Iniciação Científica; (Graduando em Farmacia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Caroline Ferezin Pinto

Analises Imunocitoquimicas na Glandula Pineal em Culturas de células; 2005; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Cláudia Santos Silva

Estudo das Fibras da matriz Extracelular na Glandula Pineal-Formação Fibrosa durante o Desenvolvimento; 2005; Iniciação Científica; (Graduando em Ensino Medio) - Colegio de Aplicação da UFRJ; Orientador: Elenice Maria Correa;

Ana Paula da Silva

Aspectos Morfologicos e morfometricos das Celulas Glicogenio Positivas na Pineal de ratos em desenvolvimento e Adulto; 2005; Iniciação Científica; (Graduando em Ensino Medio) - Colegio de Aplicação da UFRJ; Orientador: Elenice Maria Correa;

Caroline Ferezin Pinto

Genetica de Tumores na pineal em desenvolvimento; 2004; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Caroline Ferezin Pinto

Estudo das Ações Toxicologicas De Metais Pesados sobre a Excitabilidade Neuronal em ratos; Enfoque na Pineal; 2004; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Anaelli Aparecida Nogueira Campos

Estudo das Ações Toxicologicas De Metais Pesados sobre a Excitabilidade Neuronal em ratos; Enfoque na Pineal; 2004; Iniciação Científica; (Graduando em Fisioterapia) - Escola de Ciências Médicas de Volta Redonda; Orientador: Elenice Maria Correa;

Clara Oliveira Esteves

Estudo das Ações Toxicologicas De Metais Pesados sobre a Excitabilidade Neuronal em ratos; Enfoque na Pineal; 2004; Iniciação Científica; (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Ana Paula da Silva

Aspectos Morfologicos e morfometricos das Celulas Glicogenio Positivas na Pineal de ratos em desenvolvimento e Adulto; 2004; Iniciação Científica; (Graduando em Ensino Medio) - Colegio de Aplicação da UFRJ; Orientador: Elenice Maria Correa;

Cláudia Santos Silva

Estudo das Fibras da matriz Extracelular na Glandula Pineal-Formação Fibrosa durante o Desenvolvimento; 2004; Iniciação Científica; (Graduando em Ensino Medio) - Colegio de Aplicação da UFRJ; Orientador: Elenice Maria Correa;

Caroline Ferezin Pinto

Estudo das Fibras da matriz Extracelular na Glandula Pineal-Formação Fibrosa durante o Desenvolvimento; 2003; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Emília Rosa Balsemão Pires

Tecnicas Histologicas , Histoquimicas e Imunocitoquimicas; 2003; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Fabiane da Silva Junqueira

Observação Da Glandula Pineal Atraves da Microscopia De Varredura; ; 2003; Iniciação Científica; (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Eduardo Meirelles Azzam

Estudo das Ações Toxicologicas De Metais Pesados sobre a Excitabilidade Neuronal em ratos; Enfoque na Pineal; 2003; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Priscilla Tavares Lima

Estudo Morfologico da Glandula Pineal de Vertebrados; IA ? Citoarquitetura e Matriz extracelular da Glandula Pineal ? Histoquimica; II ? UltraestrutuAspectos Diante De Situações Limites (Escuro Ou Claro Constantes); (C) - Desnutrição;ra; ; 2003; Iniciação Científica; (Graduando em Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Ana Paula da Silva

Aspectos Morfologicos e morfometricos das Celulas Glicogenio Positivas na Pineal de ratos em desenvolvimento e Adulto; 2003; Iniciação Científica; (Graduando em Ensino Medio) - Colegio de Aplicação da UFRJ; Orientador: Elenice Maria Correa;

Mariana Martins Ferraz

Estudo das Fibras da matriz Extracelular na Glandula Pineal-Formação Fibrosa durante o Desenvolvimento; 2003; Iniciação Científica; (Graduando em Ensino Medio) - Colegio de Aplicação da UFRJ; Orientador: Elenice Maria Correa;

Maria Alexandra da p

L; Gonçalves; Estudo das Ações Toxicologicas De Metais Pesados sobre a Excitabilidade Neuronal em ratos; Enfoque na Pineal; 2002; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ; Orientador: Elenice Maria Correa;

Roberta Longo de Sá

Aspectos Morfologicos e morfometricos das Celulas Glicogenio Positivas na Pineal de ratos em desenvolvimento e Adulto; 2002; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Marcelo Simões Rezende

Estudo do desenvolvimento das projeções aferentes e eferentes da glandula pineal durante o desenvolvimento; 2002; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Ana Paula da Silva

Aspectos Morfologicos e morfometricos das Celulas Glicogenio Positivas na Pineal de ratos em desenvolvimento e Adulto; 2002; Iniciação Científica; (Graduando em Ensino Medio) - Colegio de Aplicação da UFRJ; Orientador: Elenice Maria Correa;

Cecília Nunes Muniz

Estudo das Fibras da matriz Extracelular na Glandula Pineal-Formação Fibrosa durante o Desenvolvimento; 2002; Iniciação Científica; (Graduando em Ensino Medio) - Colegio de Aplicação da UFRJ; Orientador: Elenice Maria Correa;

Juliana Sá de Araujo

Estudo das Fibras da matriz Extracelular na Glandula Pineal-Formação Fibrosa durante o Desenvolvimento; 2002; Iniciação Científica; (Graduando em Ensino Medio) - Colegio de Aplicação da UFRJ; Orientador: Elenice Maria Correa;

Cecilia Nunez Muniz

Aspectos morfológicos e morfométricos das células glicogênio positivas na pineal de ratos em desenvolvimento e adultos; ; 2002; Iniciação Científica; (Graduando em Ensino Medio) - Colegio de Aplicação da UFRJ; Orientador: Elenice Maria Correa;

Maria Alexandra da p

L; Gonçalves; Estudo das Ações Toxicologicas De Metais Pesados sobre a Excitabilidade Neuronal em ratos; Enfoque na Pineal; 2001; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Roberta Longo de Sá

Aspectos Morfologicos e morfometricos das Celulas Glicogenio Positivas na Pineal de ratos em desenvolvimento e Adulto; 2001; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Marcelo Simões Rezende

Estudo do desenvolvimento das projeções aferentes e eferentes da glandula pineal durante o desenvolvimento; 2001; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Ingrid Coutinho

Hetereogeneidade Da Microglia; Microgliócito E Astrócitos Da Pineal Em Condições De Escuro Ou Iluminação Ininterruptas; 2001; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Juliana Sá de Araujo

Estudo das Fibras da matriz Extracelular na Glandula Pineal-Formação Fibrosa durante o Desenvolvimento; 2001; Iniciação Científica; (Graduando em Ensino Medio) - Colegio de Aplicação da UFRJ; Orientador: Elenice Maria Correa;

Ingrid Cardoso Coutinho

Morfologia da glandula pineal - Analises em culturas; 2000; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Mildred Ferreira Medeiros

Estudo Morfologico da Glandula Pineal de Vertebrados; IA ? Citoarquitetura e Matriz extracelular da Glandula Pineal ? Histoquimica; II ? Ultraestrutura; ; 2000; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Elenice Maria Correa;

Melissa Souza Gama

Estudo do desenvolvimento das projeções aferentes e eferentes da glandula pineal durante o desenvolvimento; 2000; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, PINC; Orientador: Elenice Maria Correa;

Danielle P

Galvão; Aspectos Morfologicos e morfometricos das Celulas Glicogenio Positivas na Pineal de ratos em desenvolvimento e Adulto; 2000; Iniciação Científica; (Graduando em Ciencias Biologicas) - Centro Universitario Augusta Motta; Orientador: Elenice Maria Correa;

Yuri Zanforlin Diniz

Estudo das Ações Toxicologicas De Metais Pesados sobre a Excitabilidade Neuronal em ratos; Enfoque na Pineal; 2000; Iniciação Científica; (Graduando em Farmacia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Marcelo Simões Rezende

Estudo do desenvolvimento das projeções aferentes e eferentes da glandula pineal durante o desenvolvimento; 2000; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Maria Alexandra da p

L; Gonçalves; Estudo das Ações Toxicologicas De Metais Pesados sobre a Excitabilidade Neuronal em ratos; Enfoque na Pineal; 2000; Iniciação Científica; (Graduando em Ciencias Biologicas modalidade Médica) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Roberta Longo de Sá

Aspectos Morfologicos e morfometricos das Celulas Glicogenio Positivas na Pineal de ratos em desenvolvimento e Adulto; 2000; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Melissa de Souza Gama

Estudo das Aferencias e Eferencias da Glandula Pineal durante o Desenvolvimento; 1999; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Catarina da Fonseca Lira

Hetereogeneidade da microglia: microgliócito e astrocito da pineal em condições de escuro e iluminação ininterruptas; 1999; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Elenice Maria Correa;

Mildred Ferreira Medeiros

Estudo Morfologico da Glandula Pineal de Vertebrados; IA ? Citoarquitetura e Matriz extracelular da Glandula Pineal ? Histoquimica; II ? Ultraestrutura; ; 1999; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ; Orientador: Elenice Maria Correa;

Ingrid Coutinho

Hetereogeneidade da Microglia:Microgliocitos e Astrocitos da Pineal em Condições Normal e Especiais; 1999; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ; Orientador: Elenice Maria Correa;

Daniel F

Rocha Matos; Tecnicas Histologicas , Histoquimicas e Imunocitoquimicas; 1999; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Alan Portela

Tecnicas Histologicas , Histoquimicas e Imunocitoquimicas; 1999; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

FABIANO BONATTO

Estudo do desenvolvimento das projeções aferentes e eferentes da glandula pineal durante o desenvolvimento; 1999; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, PINC; Orientador: Elenice Maria Correa;

Luciene Koebbe

Morfologia da glandula pineal de vertebrados; 1999; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Fabio L Custódio

Estudo dos Receptores Muscarinicos na Glandula Pineal durante a Sinaptogenese; 1998; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Melissa de Souza Gama

Estudo do desenvolvimento das projeções aferentes e eferentes da glandula pineal durante o desenvolvimento; 1998; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Mildred Ferreira Medeiros

Estudo das Fibras da matriz Extracelular na Glandula Pineal-Formação Fibrosa durante o Desenvolvimento; 1998; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, PIBIC-UFRJ; Orientador: Elenice Maria Correa;

Luanda Bellusci

Categorização Morfologica de Sinapses e seus constituintes na pineal em desenvolvimento; modificações na morfologia e morfometria de sinapses maduras e em desenvolvimento considerando: a) aspectos sexuais;b)aspectos comportamentais;c) Animais submetidos a situações limites (escuro pleno,claro pleno,desnutrição); 1998; Iniciação Científica; (Graduando em Psicologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Renata Cardozo

Estudo da Secreção de melatonina e sua Relação com a Sinaptogenese; Aspectos bioquimicos e imunologicos relacionados; 1998; Iniciação Científica; (Graduando em Odontologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, PIBIC-UFRJ; Orientador: Elenice Maria Correa;

Mildred Ferreira Medeiros

Estudo Morfologico da Glandula Pineal de Vertebrados; IA ? Citoarquitetura e Matriz extracelular da Glandula Pineal ? Histoquimica; II ? Ultraestrutura; ; 1997; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Elenice Maria Correa;

Luiz Henrique P

Alves; Tecnicas Histologicas , Histoquimicas e Imunocitoquimicas; 1997; Iniciação Científica; (Graduando em Psicologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Laisa Pevidor de Almeida

Tecnicas Histologicas , Histoquimicas e Imunocitoquimicas; 1997; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Mildred Ferreira Medeiros

Estudo Morfologico da Glandula Pineal de Vertebrados; IA ? Citoarquitetura e Matriz extracelular da Glandula Pineal; Estudo das Fibras da matriz Extracelular na Glandula Pineal-Formação Fibrosa durante o Desenvolvimento; 1996; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, PIBIC-UFRJ; Orientador: Elenice Maria Correa;

Juliana Pontillo

Estudo Morfologico da Glandula Pineal de Vertebrados; IA ? Citoarquitetura e Matriz extracelular da Glandula Pineal ? Histoquimica; II ? Ultraestrutura; 1996; Iniciação Científica; (Graduando em Psicologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Luiz Henrique P

Alves; Tecnicas Histologicas , Histoquimicas e Imunocitoquimicas; 1996; Iniciação Científica; (Graduando em Psicologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Lucíola S

Silveira; Tecnicas Histologicas e Histoquimicas; 1995; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Sheila P

Santos; Tecnicas Histologicas e Histoquimicas; 1995; Iniciação Científica; (Graduando em Psicologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Jean Max Figueiredo

Tecnicas histologicas e Histoquimicas; 1995; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Luiz Henrique P

Alves; Tecnicas Histologicas , Histoquimicas e Imunocitoquimicas; 1995; Iniciação Científica; (Graduando em Psicologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Marina Malburg Freira

Tecnicas Histologicas , Histoquimicas e Imunocitoquimicas; 1995; Iniciação Científica; (Graduando em Ciencias Biologicas modalidade Médica) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Ana Christina Guilherme

Técnicas Histológicas e Histoquimicas; 1994; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Luiz Henrique P Alves

Tecnicas Histologicas e Histoquimicas; 1994; Iniciação Científica; (Graduando em Psicologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Maria Cristina Silva Santos

Técnicas Histológicas e Histoquimicas; 1993; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Rafael da Silva Pizzo Cardoso

MONITORIA em Curso de Graduação da UFRJ; 2018; Orientação de outra natureza; (Fonoaudiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro - PR5; Orientador: Elenice Maria Correa;

Bruna Freitas Gonçalves

Iniciação em Histologia; 2016; Orientação de outra natureza; (Ciências Biológicas - Licenciatura Ou Bacharelado) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Celso Patricio dos Santos Duarte

Projeto de Extensão Museu 3D; 2014; Orientação de outra natureza; (Designer grafico) - Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Evelyn Mendes Walchan

Modelo de Hiperzincemia aplicado ao Estudo de metalotioneinas; 2008; Orientação de outra natureza; (Aperfeiçoamento) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Fábio Gonçalves Guedes

Estudo do desenvolvimento das projeções aferentes e eferentes da Glândula Pineal durante o desenvolvimento; 2006; Orientação de outra natureza - Universidade Estácio de Sá; Orientador: Elenice Maria Correa;

Yriz Soares da Silva

Monitoria em Embriologia Geral; 2006; Orientação de outra natureza; (Biologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Caroline F

Pinto; Monitoria-Embriologia para a Biologia; 2005; Orientação de outra natureza; (Biologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Yriz Soares da Silva

Monitoria-Embriologia para Biologia; 2005; Orientação de outra natureza; (Biologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Anaelli Aparecida Nogueira Campos

Avaliação da Glandula pineal em correlação com a administração de doses excessivas de zinco (hiperzincemia) e achados histopatologicos da doença de Alzheimer; ; 2004; Orientação de outra natureza; (Aperfeiçoamento) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Frank Bezerra

Estudo Do Desenvolvimento Das Projeções Aferentes E Eferentes Da Glândula Pineal Durante O Desenvolvimento; 2004; Orientação de outra natureza; (Aperfeiçoamento) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Caroline Ferezin Pinto

Monitoria-Embriologia para a Biologia; 2004; Orientação de outra natureza; (Biologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Valéria Tostes Salles Cardoso

Avaliação da Glandula Pineal em correlação com a administração de doses excessivas (hiperzincemia) de zinco e achados histopatologicos da doença de Alzheimer; 2003; Orientação de outra natureza; (Aperfeiçoamento) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Arnon Jurberg

Monitoria -Embriologia para a Biologia; 2003; Orientação de outra natureza; (Biologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Caroline Ferezin Pinto

Monitoria-Embriologia para a Biologia; 2003; Orientação de outra natureza; (Biologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Roberta Peçanha da Silva Rodrigues

Aspectos Morfologicos e morfometricos das Celulas Glicogenio Positivas na Pineal de ratos em desenvolvimento e Adulto; 2000; Orientação de outra natureza; (Biologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Luiz Henrique P

Alves; Monitoria em Histologia; 1998; Orientação de outra natureza; (Psicologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Ana Christina Guilherme

Estudo Morfologico da Glandula Pineal de Vertebrados; IA ? Citoarquitetura e Matriz extracelular da Glandula Pineal ? Histoquimica; II ? Ultraestrutura- Sinaptogenese na Glandula Pineal; 1996; Orientação de outra natureza; (Aperfeiçoamento) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Ana Cristina Guilherme

Estudo Morfológico da Sinaptogenese na Glandula Pineal; 1995; Orientação de outra natureza; (Aperfeiçoamento) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Elenice Maria Correa;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Gerson Cotta-Pereira

ESTUDO HISTOQUÍMICO E ULTRA-ESTRUTURAL DA MATRIZ EXTRACELULAR NA CÓRNEA DE EMBRIÕES DE GALLUS GALLUS DOM; L ADULTO; 1986; 0 f; Dissertação (Mestrado em Biologia (Biociências Nucleares)) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro,; Orientador: Gerson Cotta-Pereira;

Claudino Borges de Luna

Monitoria em Histologia e Embriologia; 1997; Iniciação Científica; (Graduando em Enfermagem e Obstetrícia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro; Orientador: Claudino Borges de Luna;

LENY ALVES CAVALCANTE

Sinaptogênese nas camadas retino-recipientes do coliculo superior no Didelphis marsupialis; 1994; Tese (Doutorado em Ciências Biológicas (Biofísica)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro,; Orientador: Leny Alves Cavalcante;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • OLIVEIRA, D. ; PALMERO, C. ; Freitas-Gonçalves, B. ; CORREA-GILLIERON, E.M . La enseñanza práctica en Fonoaudiología a través de modelos tridimensionales: una alternativa prometedora. Revista Chilena de Fonoaudiologia , v. 17, p. 1-14, 2018.

  • SOUZA, C. M. ; CORREA-GILLIERON, E.M . EXPERIÊNCIA DO FUTURO FONOAUDIÓLOGO NA EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA: Um relato que contribui para as ações sociais.. PRIMUS VITAM , v. 9, p. 14-22, 2017.

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; CHAGAS, A. . MUSEU 3D - OS DIÁLOGOS ENTRE EXTENSÃO E C&T (ISBN 9788560069606). Museu de Astronomia e Ciencias Afins , v. 1, p. 292-304, 2014.

  • Ferezin-Pinto, C. ; Serpa, Renata F.B. ; Martinez, A. M. ; CORREA-GILLIERON, E.M . TRACE-ELEMENTAL ANALIYIS IN THE PINEAL GLAND IN ASSOCIATION WITH AN AMYLOIDOSIS INDUCED BY ZN. Acta Microscópica - Interamerican Committee of Societies for Electron Microscopy , v. 18, p. B09503, 2009.

  • Ferreira-Medeiros,M.. ; Mandarim-de-Lacerda, C. ; CORREA-GILLIERON, E.M . PINEAL GLAND POSTNATAL GROWTH IN RAT REVISED. Anatomia, Histologia, Embryologia , v. 36, p. 284-289, 2007.

  • Sales, N.S ; Ferezin-Pinto, C. ; Guedes, F. G. ; CORREA-GILLIERON, E.M . HYPERZINCEMIE: THE RESEARCHS BY AN EXPERIMENTAL MODEL OF DOSE-EFFECTS IN PINEAL GLAND (PG) OF RATS DURING THE DEVELOPMENT. International Journal of Morphology (Online) , v. 25, p. 145-234, 2007.

  • Ferreira-Medeiros,M.. ; CORREA-GILLIERON, E.M . RECOGNITION OF N-ACETYLGLUCOSAMINE (GlyNac) AND POLY-N-ACETILLACTOSAMINE RESIDUES IN VESSELS OF THE RAT PINEAL GLAND. International Journal of Morphology (Online) , v. 22, p. 285-289, 2004.

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; CORREA, E. M. ; A.CAVALCANTE, L. . SYNAPTOGENESIS IN RETINO-RECEPTIVE LAYERS OF THE SUPERIOR COLLICULUS OF THE OPOSSUM Didelphis marsupialis. Brain, Behavior and Evolution , USA/ BRasil, v. 54, p. 71-84, 1999.

  • 1997 CORREA, E. M. ; Cavalcante, L. A. . ASYNCHRONOUS CHANGES IN SIZE, NUMBER, AND SHAPE OF SYNAPSES IN THE DEVELOPING SUPERIOR COLLICULUS. International Journal of Developmental Neuroscience , Great Britain, v. 15, n.1, p. 61-66, 1997.

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; A.CAVALCANTE, L. . DEVELOPMENT CHANGES IN SYNAPSES ON THE RETINO-RECIPIENT LAYERS OF THE OPOSSUM SUPERIOR COLLICULUS. Brazilian Journal of Medical and Biological Research (Impresso) , v. 23, p. 1127-1131, 1990.

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; Martinez, A. M. ; ALLODI, S. . Neuro-Histologia: Uma abordagem Celular e Sistêmica. 1. ed. Rio de Janeiro: Editora Rubio, 2014. 248p .

  • CORREA-GILLIERON, E.M . Embriologia e Histologia em Fonoaudiologia.(Revisada e Ampliada). 2. ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan -Grupo GEN, 2011. v. 2500. 196p .

  • CORREA-GILLIERON, E.M . Embriologia e Histologia Fonoaudiológica. 1. ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2002. v. 4000. 110p .

  • CORREA-GILLIERON, E.M . Programa Prospecta Roche-Biominas. Revista Eletrônica do Instituto de Ciências Biomédicas, Rio de Janeiro, 26 ago. 2009.

  • Correa-Gillieron, EM . Nascer ou morrer?. Revista Eletrônica Bio - ICB, Rio de Janeiro, 06 abr. 2009.

  • CORREA-GILLIERON, E.M . Laboratório de Neurobiologia comunicação. Portal do Programa de Oncobiologia, Rio de Janeiro, 30 nov. 2006.

  • CORREA-GILLIERON, E.M . Ciência Esquecida. O GLOBO, Rio de Janeiro, 03 nov. 1979.

  • Correa,E.M . SOS MEIO AMBIENTE. A Folha do Bairro, Niteroi-RJ, p. 8 - 8.

  • Correa-Gillieron, EM . Pesquisa procura decifrar os prejuizos do excesso de zinco. Olhar Vital, Rio de Janeiro, p. 1 - 2.

  • CORREA-GILLIERON, E.M . (Reportagem) Carta-Opinião. Journal da ADUFRJ. UFRJ,, Rio de Janeiro, p. s2.

  • TANTOS, G. ; CORREA-GILLIERON, E.M . ? Coluna Entrevista com professor (de Gabrielle Tantos): Entrevista dada a jornalista para divulgar o trabalho na área de pesquisa científica em neurociências. - BIOLOGIA ESTRUTURAL DO SISTEMA NERVOSO DE VERTEBRADOS. I ? ENFOQUE NA GLÂNDULA PINEAL . ENFOQUE EM SINAPSES. Revista do ICB - Fale com o Professor, UFRJ CCS ICB.

  • SILVA, R. C. ; OLIVEIRA, D. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Modelando o conhecimento dos estados físicos da materia. Uma proposta educacional interativa para professores ESSORES.. In: 7ª SIAC - 13º Congesso de Extensão UFRJ - Menção Honrosa, 2016, Rio de Janeiro. 13º Congesso de Extensão UFRJ. Rio de Janeiro: UFRJ, 2016. v. 1.

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; CHAGAS, A. . Museu 3D. In: III MAST, 2014, Rio de Janeiro. Anais do III Seminário Intenacional Cultura Material e Patrimonio da C&T. Rio de Janeiro: Editor: Museu de Astronomia e Ciencias Afins, 2014. p. 297-310.

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; Freitas-Gonçalves, B. ; CONCEICAO, C. S. ; Corrêa-Veiga, T. ; Gomes da Silva, V. . Percepção de Nossas Origens (Oficina). In: III Semana Nacional do Cérebro - Diferentes Visões do Mundo e III Semana Internacional do Cérebro., 2014. Publicação online na III Semana Nacional do Cérebro, parte integrante da Brain Awareness Week (19th BAW), . http://blog.sbnec.org.br/2014/02/iii-semana-nacional-do-cerebro-organize-sua-atividade/, 2014. p. online.

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; Freitas-Gonçalves, B. ; Hora, G. ; Soares,Ciro . Emoções Museu 3D mostra O Cérebro - Uma Visão Comparativa (VisiLab).. In: II Semana do Cérebro: São tantas Emoções (acoplado Brain Awareness Week (BAW), 2013, Rio deJaneiro. II Semana do Cérebro: São tantas Emoções, 2013. p. online.

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; Dutra, Helio dos Santos ; Gomes da Silva, V. . O Coração ? Desenvolvimento e a Doença de Chagas. In: IV Encontro de Extensão do Instituto de Ciências Biomédicas, 2013. IV Encontro de Extensão do Instituto de Ciências Biomédicas,,online, homepage ICB, 2013. p. online.

  • ALMEIDA, N. C. D. ; CORREA-GILLIERON, E.M ; SILVA, B. L. M. ; GAMA, K. S. M. ; LOPES, W. F. M. ; CAVALCANTE, J. ; FREITAS, E. Q. ; SANTOS, I. C. ; FREITAS, A. S. A. . Descrição da Anatomia Modificada das Laringes pós Tratamento Oncológico. In: XI Congresso Brasileiro de Fonoaudiologia em Cirurgia de Cabeça e Pescoço, 2017. Anais do XI Congresso Brasileiro de Fonoaudiologia em Cirurgia de Cabeça e Pescoço, 2017.

  • SOUZA, C. M. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Experiência do Futuro Fonoaudiólogo na Extensão Universitária:Um relato que Contribui para as Ações Sociais. In: II Congresso Internacional e VII Congresso Nacional de Dificuldades de Ensino e Aprendizagem, 2017, São Paulo. Anais do II Congresso Internacional e VII Congresso Nacional de Dificuldades. São Paulo, 2017. v. 9. p. 14.

  • ALMEIDA, N. C. D. ; CORREA-GILLIERON, E.M ; SILVA, B. L. M. ; GAMA, K. S. M. ; FROES, W. ; LOPES, M. ; CAVALCANTI, J. ; FREITAS, E. Q. ; SANTOS, I. C. ; MOREIRA, M. J. S. ; FREITAS, A. S. . Description of modified Anatomy of larynxes after oncological treatment. In: XXVI Congresso Brasileiro de Cirurgia de Cabeça e Pescoço XI Congresso Brasileiro de Fonoaudiologia em Cirurgia da Cabela e Pescoço, 2017, Rio de Janeiro. Livro de resumos do XXVI Congresso Brasileiro de Cirurgia de cabeça e Pescoço e. Rio de Janeiro, 2017.

  • SOUZA, C. M. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Experiencia do futuro fonoaudiologo na extensão universitária:Divulgando ciencia como transformador sociocultural. In: IV Congresso de Ensino, Pesquisa e Extensão - CONEP 2017, 2017, Campos de Goytacases. IV Congresso de Ensino, Pesquisa e Extensão, 2017.

  • CORDEIRO, Daianne. N. ; CHAGAS, A. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Catalogação do acervo do Museu 3D.. In: 7ª SIAC - Congresso de Extensão UFRJ, 2016, Rio de Janeiro. Anais da 7ª SIAC, 2016.

  • SANTANA, C. N. ; SOEIRO, T. C. C. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Memorizando e sequenciando na prática do Museu 3D. In: 7ª SIAC - Congresso de Extensão UFRJ, 2016, Rio de Janeiro. Anais da 7ª SIAC - VIII Jornada de Pesquisa e Extensão, 2016. p. 01565.

  • OLIVEIRA, D. ; SILVA, R. C. ; CORREA-GILLIERON, E.M . A modelagem tridimensional como recurso para aula teórico-prática. uma alternativa real e efetiva. In: 7ª SIAC - Congresso de Extensão UFRJ, 2016. Anais da 7ª SIAC - VIII Jornada de Pesquisa e Extensão. Rio de Janeiro, 2016.

  • Gomes da Silva, V. ; SILVA, N. M. ; AZEVEDO, S. S. C. ; CORREA-GILLIERON, E.M . O Ensino da Visão sob uma Nova Perspectiva Pedagógica. In: XXXVI Jornada Giulio Massarani de Iniciação Científica, Artística e Cultural, 2014, Rio de Janeiro. Anais do Congresso de Extensão na XXXVI Jornada Giulio Massarani de Iniciação Científica, Artística e Cultural. Rio de Janeiro: UFRJ, 2014.

  • SALOMAO, A. M. V. ; CONCEICAO, C. S. ; BRITTO, L. N. ; SATHLER, R. H. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Conhecendo o coração: Estruturas e funcionamento em uma didática diferenciada. In: XXXVI Jornada Giulio Massarani de Iniciação Científica, Artística e Cultural, 2014, Rio de Janeiro. XXXIV Jornada Giulio Massarani de Iniciação Científica, Artística e Cultural. Rio de Janeiro: UFRJ, 2014.

  • CONCEICAO, C. S. ; SALOMAO, A. M. V. ; BRITTO, L. N. ; SATHLER, R. H. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Oficina 7(OF7) -O Coração - Uma Demonstração Científica e Educacional. In: VIII Encontro Saúde e Educação para a Cidadania, 2013, Rio deJaneiro. VIII Encontro Saúde e Educação para a Cidadania. Rio de Janeiro, 2013.

  • Hora, G. ; LIMA, C. S. ; Perse-da-Silva,Thais ; CORREA-GILLIERON, E.M . Catálogo do Museu 3D - Tomo I. O Resgate da História do Uso de Peças Tridimensionais no Ensino de Ciências. In: XXXIV Jornada de Iniciação Científica, Artística e Cultural UFRJ, 2012, Rio de Janeiro. Livro de Resumos da XXXIV Jornada Giulio Massarani de Iniciação Científica, Artística e Cultural ? Rio de Janeiro: Universidade Federal do Rio de Janeiro, 2012., 2012. v. 1. p. 57.

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; Ferezin-Pinto, C. . Histopathologycal Alterations Associated with Excessive Doses of Zinc Sulphate.. In: XXI Congress of the Brazilian Society for Microscopy and Microanalysis. Armação de Buzios, RJ., 2012, Buzios. XXI Congress of the Brazilian Society for Microscopy and Microanalysis. Armação de Buzios, RJ., 2012.

  • Hora, G. ; CORREA-GILLIERON, E.M . O Projeto de Extensão Museu 3D. In: IV Jornada de Pesquisa e Extensão de Macaé/UFRJ, 2012, Macaé. IV Jornada de Pesquisa e Extensão de Macaé/UFRJ, 2012.

  • Ferezin-Pinto, C. ; Serpa, Renata ; Martinez, A. M. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Trace-Elemental Analiyis in the Pineal Gland in Association with an Amyloidosis Induced by Zn. In: XXII Sociedade Brasileira de Microscopia e Microanalise, 2009, Belo Horizonte. Acta Microscopica http://actamicroscopica.ivic.ve : on-line na revista Acta Microscopica vol. 18 supplemento B - 2009 (http://actamicroscopica.ivic.ve), 2009. v. 18. p. B09503.

  • Sales, N.S ; Ferezin-Pinto, C. ; Guedes, F. G. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Hyperzincemie: The Researchs by an Experimental Model of Dose-effects in Pineal Gland (PG) of Rats During the Development. In: XXII Congresso Brasileiro de Anatomia,XXVII Congresso Chileno de Anatomia e VIII Congresso de Anatomia del Cono Sul, 2007, Florianopolis. XXII Congresso Brasileiro de Anatomia,XXVII Congresso Chileno de Anatomia e VIII Congresso de Anatomia del Cono Sul. Temuco: Health Publications ISSN 0717-9502, 2007. v. march.

  • Ferezin-Pinto, C. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Excesso de Zinco Favorece o Aparecimento de Amiloidose?. In: XXIX Jornada Giulio Massarani de Iniciação Cientifica, Artistica e Cultural UFRJ, 2007, Armação de Buzios, RJ. Anais da XXIX Jornada Giulio Massarani de Iniciação Cientifica, Artistica e Cultural UFRJ. Rio de Janeiro, 2007. v. 1. p. 282-283.

  • Nogueira-Campos, A. A. ; CORREA-GILLIERON, E.M . The Effects of the Hyperzincemie in the Rat Pineal Gland and Brain Tissue. I- Symptoms and Amyloid Depositions. In: XX Congresso da Sociedade Brasileira Microscopia e Microanalise, 2005, Aguas deLindoia. Brazilian Journal of Morphological Sciences. Campinas: UNICAMP, 2005. v. 1. p. 224-224.

  • Ferezin-Pinto, C. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Experimental Models of Hyperzincemie in Pineal Gland. In: XX Congress of the Brazilian Society for Microscopy and Microanalysis, 2005, Aguas de Lindoia. Braz.J.morphol.Sci.. São Paulo, 2005. v. 1. p. 219-220.

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; Cavalcante, L. A. . Synaptic Development in the Opossum's Visual Superior Colliculus. In: Third IBRO World Congress of Neuroscience, 1991, Montreal, Canadá. Abstracts of Third IBRO World Congress of Neuroscience. Montreal - Canada: iNTERNATIONAL BRAIN RESEARCH ORGANIZATION, 1991. v. 1. p. 314-315.

  • Cavalcante, L. A. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Structural Changes in Synapses of Retino-Recipient Sites of the Superior Colliculus During Development. In: I SOVIET-Fluminense Meeting in Neuroscience, 1990, Rio de Janeiro. I SOVIET-FLUMINENSE MEETING IN NEUROSCIENCE. Rio de Janeiro: Instituto de Biofísica Carlos Chagas Filho, UFRJ, 1990. v. 01. p. 13.

  • OLIVEIRA, A. ; GONCALVES, B. ; PRADO, C. A. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Implante Coclear : do silêncio para o som. In: 8ª SIAC UFRJ (Semana de Integração Acadêmica), 2017, Rio de Janeiro. Anais da 8ª Semana Acadêmica da UFRJ. Rio de Janeiro: UFRJ, 2017. v. 01. p. 88.

  • SOUZA, C. M. ; Hora, G. ; OLIVEIRA, D. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Radionovela Flash Mob : Uma conscientização sobre o uso da voz e a dramaturgia.. In: 8ª SIAC UFRJ (Semana de Integração Acadêmica), 2017, Rio de Janeiro. Anais da 8ª Semana Acadêmica da UFRJ. Rio de Janeiro: UFRJ, 2017. v. 01. p. 39.

  • SILVA, R. C. ; OLIVEIRA, D. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Modelando a Matemática e Conhecendo a Energia: Uma proposta educacional Interativa para os professores. In: 8ª SIAC UFRJ (Semana de Integração Acadêmica), 2017, Rio de Janeiro. Anais da 8ª Semana Acadêmica da UFRJ. Rio de Janeiro: UFRJ, 2017. v. 01. p. 74.

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; SOUSA, N. C. B. ; PAULA, A. R. ; OLIVEIRA, A. ; GONÇALVES-NASCIMENTO, B. G. ; PRADO, C. A. ; SILVA, R. O. ; Hora, G. . Musicando a consciência.. In: 8ª SIAC UFRJ (Semana de Integração Acadêmica), 2017, Rio de Janeiro. Anais da 8ª Semana Acadêmica da UFRJ. Rio de Janeiro: UFRJ, 2017. v. 1. p. 38.

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; SILVA, R. O. ; PINAGE, B. G. A. ; SOUZA, C. C. CAMPOS ; SALES, J. A. Gomes ; SILVA, M. C. Menezes ; GUEDES, M. . Você entrou na Universidade! Qual será seu diferencial a partir de agora?. In: 8ª Semana de Integração Acadêmica da UFRJ, 14ºCongresso de Extensão, 2017, Rio de Janeiro. 8ª SIAC. Rio de Janeiro: UFRJ, 2017. v. 01. p. 19.

  • SOUZA, C. M. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Experiencia do futuro fonoaudiologo na extensão universitaria: um relato que contribui para as ações sociais.. In: CONEPE 2017 - IV Congresso de Ensino,Pesquisa,Extensão - Conhecimento, escolhas e Transformação. Inst.federal Fluminenese, 2017, Campos. IV CONEPE - IV CONGRESSO DE ENSINO, PESQUISA, EXTENSÃO. Campos: Inst. federal fluminense, 2017.

  • SOUZA, C. M. ; CARNEVALE, G. D. ; ALMEIDA, N. C. D. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Ver e Enxergar! Se iludir e Interpretar. In: 7ª SIAC - 13º Congesso de Extensão UFRJ, 2016, Rio de Janeiro. 7ª SIAC - 13º Congesso de Extensão UFRJ. Rio de Janeiro: UFRJ, 2016. v. 1.

  • LAEBER, C. ; CLAASSEN, J. V. ; Hora, G. ; CORREA-GILLIERON, E.M . A tridimencionalidade dos agrotóxicos. Uma divulgação educacional e cientifica.. In: Jornada Acadêmica do Colegioi de Aplicaçao da UFRJ, 2016, Rio de Janeiro. Anais da Jornada Acadêmica do Colegioi de Aplicaçao da UFRJ, 2016.

  • GONÇALVES-NASCIMENTO, B. G. ; SOUZA, N. ; TOME, N. O. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Fonação em ação! Conhecendo para aplicar: Comunicação e identificação.. In: 7ª SIAC - Congresso de Extensão UFRJ, 2016, Rio de Janeiro. Anais da 7ª SIAC. Rio de Janeiro: ufrj, 2016. p. 00889.

  • GONCALVES, L. A. ; CLAASSEN, J. V. ; CORREA-GILLIERON, E.M . A tridimensionalidade do vírus Chikungunya - Uma divulgação Educacional e Científica. In: FESBE 2015. http//www.fesbe.org.br/fesbe2015, 2015, Sao Paulo. XXX Reunião anual da federação de Sociedades de Biologia Experimental. Sao paulo, 2015. v. 1. p. 12-12.

  • ASSIS, F. R. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Estudo Audiologico de ratas Submetidas ao Excesso de Zinco. In: XXXVI Jornada Giulio Massarani de Iniciação Científica, Tecnológica, Artística e Cultural UFRJ, 2015, Rio deJaneiro. Anais da JICTAC 2015. Rio de Janeiro: UFRJ, 2015. v. 1. p. 393-394.

  • SANTANA, C. N. ; SOEIRO, T. C. C. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Raciocina Guri!. In: 12º Congresso de Extensão da UFRJ, 2015, Rio de Janeiro. Anais do 12º Congresso de Extensão da UFRJ. Rio de janeiro: ufrj, 2015.

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; FAGUNDES, S. L. ; TOME, N. O. ; BASTOS, N. P. . Museu 3D Promovendo saúde ? O grito e suas consequências morfológicas. In: 12º Congresso de Extensão da UFRJ, 2015, Rio de Janeiro. Anais do 12º Congresso de Extensão da UFRJ. Rio de janeiro: ufrj, 2015.

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; Silva-Conceição, C. ; Ferreira, Ana Flavia Louzada ; VEIGA, T. ; SOUZA, C. M. . Museu 3D na promoção da saúde : Alimentação infantil e sobrepeso. In: 12º Congresso de Extensao da UFRJ, 2015, Rio de Janeiro. Anais do 12º Congresso de Extensão, UFRJ. Rio de Janeiro: ufrj, 2015.

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; Ferreira, Ana Flavia Louzada ; FREITAS-GONCALVES, B. F. ; CONCEICAO, C. S. ; SOUZA, C. M. ; BASTOS, N. P. ; FAGUNDES, S. L. ; VEIGA, T. ; Hora, G. ; Dutra, Helio dos Santos . Seja um Doador ou Incentive a doação de médula óssea. A doação é um ato de solidariedade!. In: Semana Nacional do Cérebro, 2015, RJ. Publicação online (facebook do Núcleo de Extensão Museu 3D) , ( IV Semana Nacional do Cérebro, parte integrante da Brain Awareness Week (BAW), . http://blog.sbnec.org.br/2014/02/iii-semana-nacional-do-cerebro-organize-sua-atividade/). Rio de Janeiro: Núcleo de Extensão Museu 3D, 2015. p. online.

  • SANTANA, C. N. ; MULLER, I. P. ; SOEIRO, T. C. C. ; Corrêa-Veiga, T. ; Gomes da Silva, V. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Uma nova perspectiva pedagógica e social sobre a má formação da face. In: XXXVI Jornada Giulio Massarani de Iniciação Científica, Artística e Cultural, 2014, Rio de Janeiro. Anais da XXXVI Jornada Giulio Massarani de Iniciação Científica, Artística e Cultural. Rio de Janeiro: UFRJ, 2014.

  • FREITAS-GONCALVES, B. F. ; FAGUNDES, S. L. ; MORGADO, S. M. ; CORREA-GILLIERON, E.M . O ciclo celular e a Oncogênese. In: XXXVI Jornada Giulio Massarani de Iniciação Científica, Artística e Cultural, 2014, Rio de Janeiro. XXXIV Jornada Giulio Massarani de Iniciação Científica, Artística e Cultural. Rio de Janeiro: UFRJ, 2014.

  • FREITAS-GONCALVES, B. F. ; CONCEICAO, C. S. ; CORREA-GILLIERON, E.M ; Corrêa-Veiga, T. ; Gomes da Silva, V. . O Uso do Acervo em 3D para auxiliar o entendimento em saúde. In: Anais do 11° Congresso de Extensão da UFRJ, 2014, Rio de Janeiro. Anais do 11° Congresso de Extensão da UFRJ. Rio de Janeiro: UFRJ, 2014.

  • Freitas-Gonçalves, B. ; Silva-Conceição, C. ; CORREA-GILLIERON, E.M ; Corrêa-Veiga, T. ; Gomes da Silva, V. . Museu 3D: Uma nova visão para a inclusão social do estrábico. In: 5º Semana de Integração Acadêmica -11° Congresso de Extensão da UFRJ, 2014, Rio de Janeiro. Anais do 11º Congresso de Extensão - Poster eletrônico. Rio de Janeiro: UFRJ, 2014.

  • LIMA, C. S. ; FREITAS-GONCALVES, B. F. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Reconstrução Educacional: A modelagem auxiliando o Ensino do Desenvolvimento de um órgão.. In: 4ª Semana de Integração Acadêmica da UFRJ - 10º Congresso de Extensão, 2013, Rio de Janeiro. Anais do 10° Congresso de Extensão da UFRJ. Rio de Janeiro: Pro Reitoria de extensão UFRJ, 2013. v. 1. p. 238-238.

  • Perse-da-Silva,Thais ; Costa, R. R. ; Azevedo, E.P.C ; CORREA-GILLIERON, E.M . Pulmão: Uma Resposta Inflamatória Decorrente do Excesso de Zinco. In: XXXV Jornada Giulio Massarani de Iniciação Científica, Tecnológica, Artística e Cultural, 2013, Rio de Janeiro. Livro de Resumos da XXXV Jornada Giulio Massarani de Iniciação Científica, Tecnológica, Artística e Cultural ? Rio de Janeiro: Universidade Federal do Rio de Janeiro, 2013.. Rio de Janeiro: UFRJ, 2013. v. 1. p. 542.

  • Perse-da-Silva,Thais ; Costa, R. R. ; LIMA, C. S. ; Freitas-Gonçalves, B. ; Correa-Gillieron, EM . Oficina n.1 (OF1) - Memória no ensinar e no aprender. In: VIII Encontro Saude e Educação para Cidadania, 2013, Rio de Janeiro. Anais do VIII Encontro Saude e Educação para Cidadania. Rio de Janeiro, 2013.

  • Costa, R. R. ; Perse-da-Silva,Thais ; LIMA, C. S. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Oficina n.6 - Meus órgãos reprodutores,minha responsabilidade. In: VIII Encontro Saude e Educação para Cidadania, 2013, Rio de Janeiro. Anais do VIII Encontro Saude e Educação para Cidadania. Rio de Janeiro, 2013.

  • CORREA-GILLIERON, E.M . Metodologias em sala de aula:aulas práticas e demonstrações. A Jornada de Embriologia. In: Simpósio sobre Metodologias Educacionais, ICB, UFRJ, 2013, Rio deJaneiro. Simpósio sobre Metodologias Educacionais, ICB, UFRJ, 2013. v. 1.

  • LIMA, C. S. ; Hora, G. ; Correa-Gillieron, EM . Construção de uma Peça Educacional: Como Conjugar Conceitos Artísticos a Antigos Conceitos Científicos. In: XXXIV Jornada de Iniciação Científica, Artística e Cultural UFRJ, 2012, Rio de Janeiro. Livro de Resumos da XXXIV Jornada Giulio Massarani de Iniciação Científica, Artística e Cultural ? Rio de Janeiro: Universidade Federal do Rio de Janeiro, 2012.. Rio de Janeiro: UFRJ, 2012. v. 1. p. 71.

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; Sales, N.S . Cod.2852. Avaliação dos Sintomas Apresentados após Administração de Doses de Sulfato de Zinco em Correlação com Alterações Histológicas. In: ? XXIX Jornada Giulio Massarani de Iniciação Científica, Artística e Cultural da UFRJ., 2012, Rio deJaneiro. ? XXIX Jornada Giulio Massarani de Iniciação Científica, Artística e Cultural da UFRJ., 2012.

  • Hora, G. ; Aquino, Raphael ; LIMA, C. S. ; CORREA-GILLIERON, E.M . cod.855. Museu 3D - A capacidade de aprender conceitos biomédicos através de modelos tridimensionais. In: XXXIII Jornada Giulio Massarani de Iniciação Cientifica, Artística e Cultural, 2011, Rio de Janeiro. Anais da XXXIII Jornada Giulio Massarani de Iniciação Cientifica, Artística e Cultural. Rio de Janeiro: UFRJ, 2011. v. CD. p. 144.

  • Dellamarque, Gabriela R. ; Januário, Priscilla ; CORREA-GILLIERON, E.M . cod. 378. Identificação de proteína inflamatória em amiloide pulmonar causado pelo modelo de hiperzincemia. In: XXXIII Jornada Giulio Massarani de Iniciação Cientifica, Artística e Cultural, 2011, Rio de Janeiro. Anais da XXXIII Jornada Giulio Massarani de Iniciação Cientifica, Artística e Cultural. Rio de Janeiro: UFRJ, 2011. v. CD. p. 137.

  • CORREA-GILLIERON, E.M . O Projeto Museu 3D. In: I Encontro de Extensão do ICB, 2010, Rio deJaneiro. Homepage do ICB http://www.icb.ufrj.br/Revista-Bio-ICB/Materias-Anteriores/A-Extensao-em-debate-89.html. Rio de Janeiro: ufrj, 2010. p. online.

  • GOMES-FERREIRA,B. ; CORREA-GILLIERON, E.M . ID.3532-1. Amiloidose obtida em modelo de hiperzincemia e analisada pelo método do permanganato de potássio. In: XXIII REUNIÃO ANUAL DA FEDERAÇÃO DE SOCIEDADES DE BIOLOGIA EXPERIMENTAL - FESBE, 2008, AGUAS DE LINDOIA. O JOVEM E A CIENCIA NO FUTURO. São Paulo: FESBE, 2008. v. 1. p. 13-13.

  • Sales, N.S ; Walchan, E.M ; Ferezin-Pinto, C. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Comprometimento comportamental, metabólico e histopatológico causado pelo excesso de zinco.. In: XXII Reunião Anual da FESBE, 2007, Aguas de Lindóia - SP. Resumos da XXII Reunião Anual da FESBE. São Paulo: Ciencias Biomedicas da Universidade de São Paulo, 2007. v. 01. p. 87.

  • Sales, N.S ; CORREA-GILLIERON, E.M . Avaliação dos Sintomas Apresentados após Administração de Doses de Sulfato de Zinco em Correlação com Alterações Histológicas. In: XXIX Jornada Giulio Massarine de Iniciação Científica,Artística e Cultural da UFRJ, 2007, Rio de Janeiro. Anais da XXIX Jornada Giulio Massarani de Iniciação Cientifica, Artistica e Cultural UFRJ. Rio de Janeiro: UFRJ, 2007. v. 01. p. 67.

  • Ferezin-Pinto, C. ; Sales, N.S ; CORREA-GILLIERON, E.M . Histopathologycal Alterations Asspciated with Excessive Doses of zinc Sulphate. In: XXI Congress of the Brazilian Society for Microscopy and Microanalysis, 2007, Armação de Buzios -RJ. Anais do XXI Congress of the Brazilian Society for Microscopy and Microanalysis. Rio de Janeiro, 2007. v. 1. p. CD.

  • Sales, N.S ; Walchan, E.M ; CORREA-GILLIERON, E.M . Sulfato de Zinco - Seus Efeitos Histopatológicos e Comportamentais com Doses Excessivas. In: XXIX Jornada de Iniciação Científica, Artística e Cultural UFRJ, 2007, Rio de Janeiro. Anais da XXIX Jornada Giulio Massarani de Iniciação Cientifica, Artistica e Cultural UFRJ. Rio de Janeiro, 2007. v. 1. p. 135-135.

  • Ferezin-Pinto, C. ; Guedes, F. G. ; Sales, N.S ; CORREA-GILLIERON, E.M . Administration of the Excessive Doses of Zinc Sulfate Results in Histophatological Alterations in the Nervous Tissue and Pineal Gland.. In: XIII Congresso da Sociedade Brasileira de Biologia Celular. IX Simpósio Brasileiro de Matriz Extracelular, IV International Symposium on Extracellular Matrix, 2006, Armação de Búzios. SBBC - SIMEC 2006, 2006. v. 01. p. 67-68.

  • Sales, N.S ; Ferezin-Pinto, C. ; Guedes, F. G. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Hiperzincemia:A Busca por um Modelo Dose-Efeitos em Ratos em Desenvolvimento. In: XXII Congresso Brasiliero de Anatomia, XXVII Congresso Chileno de Anatomia e VII Congresso de Anatomía Del Cono Sur, 2006, Florianopolis. XXII Congresso Brasileiro de Anatomia, XXVII Congresso Chileno de Anatomia e VII Congresso de Anatomía Del Cono Sur. Florianópolis, BR/Temuco,Chile: Varios Patrocionios, 2006. v. CD1. p. 450-450.

  • Sales, N.S ; Walchan, E.M ; CORREA-GILLIERON, E.M . Efeitos Histopatlógicos na Glandula Pineal e Hipocampo e Alterações Comportamentais de Ratos após Administração de Doses Excessivas de Sulfato de Zinco. In: XXVIII Jornada Giulio Massarani de Iniciação Científica, Tecnológica, Artística e Cultural, 2006, Rio de Janeiro. Anais da XXIVIII Jornada Giulio Massarani de Iniciação Cientifica, Artistica e Cultural UFRJ. Rio de Janeiro, 2006. v. 1. p. 63.

  • Guedes, F. G. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Estudo de Projeções Neurais em Relação com a Glandula Pineal d Ratos. In: XXVIII Jornada Giulio Massarani de Iniciação Científica, Tecnológica, Artística e Cultural, 2006. Anais da XXVIII Jornada Giulio Massarani de Iniciação Cientifica, Artistica e Cultural UFRJ. Rio de Janeiro, 2006. v. 1. p. 65-66.

  • Ferezin-Pinto, C. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Determinação de um Modelo Experimental de Hiperzincemia na Glandula Pineal. In: XXVII Jornada Giulio Massarani de Iniciação Cientifica, Artistica e Cultural da UFRJ, 2005, Rio de janeiro. Anais da XXVII Jornada Giulio Massarani. Rio de Janeiro: UFRJ, 2005. v. 1. p. 222-222 XLV.

  • Nogueira-Campos, A. A. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Análise da Sintomatologia e de Achados Histológicos na Glandula Pineal e outros Tecidos Cerebrais de Ratos modelos Experimentais de Hiperzincemia. In: XXVII Jornada Giulio Massarani de Iniciação Cientifica , Artistica e Cultural da UFRJ, 2005, Rio de Janeiro. Anais da XXVII Jornada Giulio Massarani. Rio de Janeiro: UFRJ, 2005. v. 1. p. 225-225.

  • Nogueira-Campos, A. A. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Os Efeitos da Hiperzincemia na Glandula Pineal e Tecido Cerebral .I-Sintomas e Depósitos Amieloides. In: XXVII Jornada Julio Massarani, 2005, Rio de janeiro. Jornada de Iniciação Cientifica. Rio de Janeiro: UFRJ, 2005. v. 01.

  • Ferezin-Pinto, C. ; Rocha, Thiago S. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Modelo Experimental de Hiperzincemia - Efeitos na Glandula Pineal e em outras Áreas Cerebrais. In: II Encontro de Oncobiologia, 2005, Rio de Janeiro. II Encontro do Programa de Oncobiologia. Rio de Janeiro: UFRJ, 2005. v. 1.

  • Ferezin-Pinto, C. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Distribution of Elastic Fibers System in the Rat Pineal Gland. In: XII Congresso da Sociedade Brasileira de Biologia Celular e Iberoamericano de Biologia Celular, 2004, Campinas. Anais do XII Congresso da SBBC. Sao Paulo: SBBC, 2004. v. CD. p. 010.

  • Ferezin-Pinto, C. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Fomação Fibrosa no Desevolvimento da Glandula Pineal. In: XIX Reunião Anual da Federação de Sociedades de Biologia Experimental - FESBE, 2004, Aguas de Lindoia. Anais da XIX FESBE. São Paulo: FESBE, 2004. p. 97-97.

  • Silva, A. P. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Células Glicogênio Positivas na Pineal de Ratos em Desenvolvimento e Adultos.Aspectos Morfológicos e Morfométricos. In: XIX Reunião Anual da Federação de Sociedades de Biologia Experimental-FESBE, 2004, Águas de Lindoia. Anais da XIX FESBE. São Paulo: USP-SP, 2004. v. CD.

  • Oliveira-Esteves,C. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Determinação de um Modelo Experimental de Hiperzincemia na Glandula Pineal. In: XIX Reunião Anual da Federação de Sociedades de Biologia Experimental, 2004, Aguas de Lindoia. Anais da XIX FESBE. São Paulo: Federação das Sociedades de Biologia Experimental, 2004. v. 1. p. 19.074-19.074.

  • Silva, A. P. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Estudo Histoquímico e Morfométrico na Pineal de Ratos. In: IV Jornada de Iniciação Cientifica Junior CAP/UFRJ, 2004, Rio de Janeiro. Anais do Nucleo de Iniciação Cientifica Junior CAp/UFRJ. Rio de Janeiro, 2004. v. 1.

  • Silva, A. P. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Estudo Histoquimico e Morfometrico da Pineal de Ratos. In: XVIII Reunião Anual da Federação de Sociedades de Biologia Experimental - FESBE, 2003, Curitiba. Anais da XVIII FESBE - Programa O Jovem e a Ciencia no Futuro. Sâo PAulo: FESBE, 2003. v. CD.

  • Sá-Longo, R. ; Rezende, M.S ; CORREA-GILLIERON, E.M . Marcação de Glicogenio na Glandula Pineal atraves da Técnica do Acido Periodico de Schiff (PAS). In: XVII Reunião Anual da Federação de Sociedades de Biologia Experimental - FESBE, 2002, Salvador. XVII FESBE. Sao Paulo, 2002. v. CD.

  • Gonçalves, M. A. P.L ; CORREA-GILLIERON, E.M . Marcação de Zinco na Glandula Pineal atraves do Método da Ditizona. In: XVII Reunião Anual da Federação de Sociedades de Biologia Experimental- FESBE, 2002, Salvador. Anais da XVII FESBE. São Paulo, 2002. v. CD.

  • Ferreira-Medeiros,M.. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Contribuição ao Estudo Histoquímico da Glandula Pineal de Ratos em Desenvolvimento. In: XVI I Reunião Anual da Federação de Sociedades de Biologia Experimental - FESBE, 2002, Salvador. Anais da XVI I FESBE. São Paulo: FESBE-SP, 2002. v. Cd.

  • Coutinho I. C. ; Castelo-Branco, M. C. ; Cavalcante, L. A. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Avaliação da Idade de Maturação de Astrocitos em Pineal de Ratos em Cultura. In: XVII Reunião Anual da Federação de Sociedades de Biologia Experimental-FESBE, 2002, Salvador. Anais da XVII FESBE. São Paulo, 2002. v. CD.

  • Araújo, J. S. ; Ferreira-Medeiros,M.. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Avaliação da Presença de Fibras da Matriz Extracelular na Pineal de Ratos. In: XXIV Jornada de Iniciação Cientifica, Artistica e Cultural, 2002, Ruio de janeiro. Anais da XXIV JORNADA DE INICIAÇÃO CIENTIFICA, ARTISTICA E CULTURAL DA UFRJ. Rio de janeiro: UFRJ, 2002. v. 1.

  • Sá-Longo, R. ; Rezende, M.S ; CORREA-GILLIERON, E.M . Estudo da Presença de Glicogênio na Glandula Pineal de Ratos pela Técnica do Acido Periódico de Schiff. In: XXIV Jornada de Iniciação Cientifica e XIV Jornada de Iniciação Artística e Cultural, 2002, 2002, Rio de Janeiro. Anais da XXIV Jornada de Iniciação Cientifica e XIV Jornada de Iniciação Artística e Cultural, 2002, 2002. v. CD.

  • Gonçalves, M. A. P.L ; CORREA-GILLIERON, E.M . Marcação de Zinco na glandula pineal pelo método da difeniltiocarbazona. In: XXIV Jornada de Iniciação Cientifica e XIV Jornada de Iniciação Artística e Cultural, 2002, Rio de Janeiro. Anais da XXIV Jornada de Iniciação Cientifica e XIV Jornada de Iniciação Artística e Cultural, 2002. v. CD.

  • Rezende, M.S ; Ary- Pires M. A. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Aferencias e Eferencias em Pineais de Ratos em Estagios Iniciais do Desenvolvimento Pós-natal. In: Aferencias e Eferencias em Pineais de Ratos em Estagios Iniciais do Desenvolvimento Pós-natal, 2002, Rio de janeiro. Anais da XXIV JORNADA DE INICIAÇÃO CIENTIFICA, ARTISTICA E CULTURAL DA UFRJ. Rio de Janeiro: UFRJ, 2002. v. CD.

  • Gama M. S. ; Ary- Pires M. A. ; Ferreira-Medeiros,M.. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Projeçõe Aferentes e Eferentes da Glandula Pineal Durante o Desenvolvimento. In: XVII Reunião Anual da Federação de Sociedade de Biologia Experimental, 2002, Caxambu. Anais da XVII Reunião Anual das Sociedades de Biologia Experimental. São Paulo: FESBE-SP, 2002. v. 1.

  • Araújo, J. S. ; Ferreira-Medeiros,M.. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Avaliação da Presença de Fibras da Matriz Extracelular na Pineal de Ratos. In: ANAIS DA XVII Reunião Anual da Federação de Sociedades de Biologia Experimental-FESBE, 2002, Salvador. ANAIS DA XVII Reunião Anual da Federação de Sociedades de Biologia Experimental-FESBE, 2002. v. 1.

  • Coutinho I. C. ; Castelo-Branco, M. C. ; Cavalcante, L. A. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Categorização de Astrócitos em Culturas Primárias de Celulas da Pineal de Ratos. In: XVI Reunião Anual da Federação de Sociedades de Biologia Experimental-FESBE, 2001, Caxambu. Anais da XVI FESBE. São Paulo: FESBE-SP, 2001. v. 1. p. 380.

  • Ferreira-Medeiros,M.. ; Ary- Pires M. A. ; Pires-Neto, R. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Estudo Imunocitoquímico da Expressão da Glicosamina Sulfatada Condroitin-Sulfato (CS) nas Células da Glândula Pineal. In: XVI Reunião Anual da FESBE, 2001, Rio de Janeiro. Anais XVI Reunião Anual da FESBE, 2001. v. 1.

  • Coutinho I. C. ; Ferreira-Medeiros,M.. ; Castelo-Branco, M. C. ; Cavalcante, L. A. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Categorização e Determinaçao da Idade de Maturação de Astrocitos em Cultura Primária de Células da Pineal d Ratos. In: XVI Jornada de IC,Artistica e Cultural da UFRJ, 2001, Rio de Janeiro. Anais XXIII Jornada de Iniciação Cientifica,Artistica e Cultural da UFRJ. Rio de Janeiro: UFRJ, 2001. v. CD.

  • Rezende, M.S ; Gama M. S. ; Ary- Pires M. A. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Aferencias e Eferencias em Pineais de Ratos em Estagios Iniciais do Desenvolvimento Pos-Natal. In: III Simposio de Neuroimunologia da UFF, 2001, Niteroi. Anas do III Simposio. Niteroi: UFF, 2001. v. 1. p. sn.

  • Coutinho I. C. ; Ferreira-Medeiros,M.. ; Castelo-Branco, M. C. ; Cavalcante, L. A. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Caracterização de Astrócitos em Cultura Primária de Células da Pineal de Ratos. In: III Simpósio de Neuroimunologia, 2001, Niteroi. Anais do III Simposio de Neuroimunologia - UFF. Niteroi, 2001. v. 1.

  • Ferreira-Medeiros,M.. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Estudo Imunocitoquimico da Expressão da Glicosaminoglicana Sulfatada Condroitin Sulfato (CS) nas Células da Glanmdula Pineal. In: XXIII Jornada de Iniciação Científica e Jornada de Iniciação Artistica e Cultural, 2001, Rio de Janeiro. Anais da XXIII Jornada de Iniciação Cientifica UFRJ. R: U, 2001. v. 1.

  • Ferreira-Medeiros,M.. ; Ary- Pires M. A. ; Pires-Neto, R. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Estudo Imunocitoquímico da Expressão de Condroitin-Sulfato nas Células da Glândula Pineal. In: XV Reunião Anual da FESBE, 2000, Caxambú. Anais da XV FESBE. Sao Paulo: Bras.J.Med.Biol.Res, 2000. v. 01. p. 178-178.

  • Gama M. S. ; Ary- Pires M. A. ; Ferreira-Medeiros,M.. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Projeções Aferentes e Eferentes da Pineal durante o Desenvolvimento. In: XV Reunião anual das Sociedades de Biologia Experimental, 2000, Caxambu. Anais da XV Reunião Anual das Sociedades de Biologia Experimental, 2000. v. 1. p. 178.

  • Coutinho I. C. ; Lira, C. F. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Categorização de Astrócitos em Cultura de Pineal de Rato. In: XXII Jornada de IC e XII Jornada de IC Artistica e Cultural, 2000, Rio de Janeiro. Anais XII Jornada IC, 2000.

  • Gama M. S. ; Ary- Pires M. A. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Estudo das Projeções Aferentes e Eferentes da Glandula Pineal durante o Desenvolvimento. In: XXII Jornada de IC/XII de IC Artistica e Cultural UFRJ, 2000, Rio de Janeiro. Anais da XXII Jornada de IC UFRJ, 2000. v. 1. p. 33-33.

  • Ferreira-Medeiros,M.. ; CORREA-GILLIERON, E.M . A Técnica da Lectina (LEL) Biotinilada para Marcação Histoquímica da Glândula Pineal. In: Reunião Anual da XIV FESBE, 1999, Caxambu. Anais da Reunião Anual da XIV FESBE. São Paulo: fesbe-são paulo, 1999. v. 1. p. 135.

  • Ferreira-Medeiros,M.. ; Carvalho, L. K. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Análise Histoquimica da Glandula Pineal de Ratos atraves da Lectina de Tomate Biotinilada (LEL). In: XXI Jornada de Iniciação cientifica XI Jornada d Iniciação Artistica e cultural UFRJ, 1999, Rio de Janeiro. Anais da XXI Jornada de IC. Rio de Janeiro: UFRJ, 1999.

  • Ferreira-Medeiros,M.. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Estudo Histoquímico da Glândula Pineal de Ratos. In: XX Jornada de Iniciação Científica e X Jornada de Iniciação Artística e Cultural, 1998, Rio de Janeiro. Resumos da XX Jornada de Iniciação Científica. Rio de Janeiro: UFRJ, 1998. v. 1.

  • Ferreira-Medeiros,M.. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Glândula Pineal: Detalhes Histoquímicos. In: XIII Reunião Anual da Federação de Sociedades de Biologia Experimental -FESBE, 1998, Caxambu. Resumos da XIII Reunião Anual da FESBE, 1998. v. 01. p. 5-5.

  • Custódio, F. L. ; Kurtenbach, E. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Estudo de Receptores Muscarínicos na Glândula Pineal. In: XIII Reuniao Anual da FESBE, 1998, Caxambú. Anais da XIII Reunião Anual da FESBE. São Paulo: FESBE-SP, 1998. v. 1. p. 1484-1484.

  • Ferreira-Medeiros,M.. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Estudo Morfológico da Glândula Pineal. In: XII Reunião Anual da Federação de Sociedades de Biologia Experimental -FESBE, 1997, CAXAMBU. Anais da XII Reunião Anual da Federação de Sociedades de Biologia Experimental. Sao Paulo: Brazilian J.Med.Biol.Res, 1997. v. 1. p. 322-322.

  • Ferreira-Medeiros,M.. ; Custódio, F. L. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Avaliação Morfologica e Citoquimica do Parenquima Pineal. In: XIX Jornada de Iniciação Científica e IX Jornada de Iniciação Artistica e Cultural, 1997, Rio de Janeiro. Anais da XIX Jornada de Iniciação Científica e IX Jornada de Iniciação Artistica e Cultural, 1997. v. 1. p. 472.

  • Ferreira-Medeiros,M.. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Estudo Morfológico da Glandula Pineal. In: Resumos da XVIII Jornada de Iniciação Científica e VIII Jornada Interna de Iniciação Artística e Cultural, 1997, Rio de Janeiro. Resumos da XVIII Jornada de Iniciação Científica e VIII Jornada Interna de Iniciação Artística e Cultural. Rio de Janeiro: UFRJ, 1997. v. 01.

  • Pontillo, J. ; Guilherme, A. C. G. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Morfologia das Células e Sinapses da Glandula Pineal. In: XVIII Jornada de Iniciação Cientifica e VIII Jornada Interna de Iniciação Artistica e Cultural, 1996, Rio de Janeiro. Resumos da XVIII Jornada de Iniciação Cientifica e VIII Jornada Interna de Iniciação Artistica e Cultural. Rio de Janeiro: UFRJ, 1996. v. 1. p. 484-484.

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; Cavalcante, L. A. . Alterações Estruturais em Sinapses das Camadas Retino-Recipientes do Colículo Superior. In: XIII Congresso da Sociedade Brasileira de Microscopia Eletrônica, 1991, Rio de Janeiro. Resumos do XIII Congreso SBME. Rio de Janeiro: SBME, 1991. v. 01. p. 387-387.

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; A.CAVALCANTE, L. . Alterações Estruturais em Sinapses das Camadas Retino-recipientes do Colículo Superior. In: II Congresso do Instituto de Biofísica Carlos Chagas Filho, 1991, Rio de Janeiro. Resumos do II Congresso do Instituto de Biofísica Carlos Chagas Filho. Rio de Janeiro: UFRJ, 1991. v. 1. p. 28-28.

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; Cavalcante, L. A. . Modificações em Sinapses das Camadas Retino-Recipientes do Colículo Superior de Gambás em Desenvolvimento. In: V Reunião Anual da FESBE, 1990, Caxambu. Resumos da V Reunião da FESBE. São Paulo: FESBE-SP, 1990. v. 1. p. 09.

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; Cavalcante, L. A. . Sinapses Imaturas do Colículo Superior de Gambás: Análise pelo Método do E-PTA. In: I Congresso Brasileiro do Instituto de Biofísica Carlos Chagas Filho, 1989, Rio de Janeiro. Resumos do I Congresso Brasileiro do Instituto de Biofísica Carlos Chagas Filho. Rio de Janeiro: UFRJ, 1989. v. 1. p. 72-72.

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; Martinez, A. M. ; Cavalcante, L. A. . Categorização Morfológica das Sinapses do Colículo Superior de Gambás atraves do Método do E-PTA. In: Simpósio de Citoquimica Ultraestrutural - SBME, 1988, Curitiba. Anais do Simpósio de Citoquímica Ultraestrutural. Curitiba: SBME, 1988. v. 1. p. 09-09.

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; Martinez, A. M. ; Cavalcante, L. A. . Categorização de Junções Sinapticas no Coliculo Superior em Desenvolvimento. In: II Reunião Anual da Federação das Sociedades de Biologia Experimental, 1987, Rio de Janeiro. Anais da II FESBE, 1987. v. 1. p. 114.

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; Cotta-Pereira, G. . Formação Fibrosa na Córnea Embrionária de Gallus gallus. Uma Estrutura de Resistencia Constituída de Fibras Oxitalanicas. In: V Congresso Brasileiro de Biologia Celular e III Congresso Iberoamericano de Biologia Celular, 1986, Rio de janeiro. Resumos do V Congresso Brasileiro de Biologia Celular e III Congresso Iberoamericano de Biologia Celular. Rio de Janeiro: UERJ, 1986. v. 1. p. 128-128.

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; Cotta-Pereira, G. . Estudo Histoquímico de Formação Fibrosa em Córneas Embrionárias de Gallus gallus dom.l. In: Congresso do Hospital Universitário Pedro Ernesto, 1985, Rio de Janeiro. Anais do XXIII Congresso do HUPE, 1985. p. 69.

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; Cotta-Pereira, G. . Estudo Histoquímico em Corneas de Embriões de Gallus gallus. In: XXIII Congresso do Hospital Universitario Pedro Ernesto- Semana do XXIII Aniversário do Hospital Universitário Pedro Ernesto -UERJ, 1985, Rio de Janeiro. Anais do XXIII Congressodo HUPE. Rio de Janeiro: UERJ, 1985. v. 1. p. 69-69.

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; Cotta-Pereira, G. . Estudos sobre as Afinidades Tintoriais das Fibras Oxitalâncas em Embriões de Gallus gallus dom.L. In: I Mostra de Trabalhos de Professores da UERJ, 1984, Rio de Janeiro. Resumos do I Congresso de Professores da Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Rio de Janeiro: UERJ, 1984. v. 1. p. 49-49.

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; Cotta-Pereira, G. . Estudo sobre as Afinidades Tintoriais das Fibras Oxitalanicas em Embriões de G.gallus dom. In: I Mostra de Trabalhos de Professores da UERj, 1984, Belo Horizonte. An. IV Congr.Bras.Biologia Celular. Rio de Janeiro: UERJ, 1984. v. 1. p. 49.

  • OLIVEIRA, D. ; PALMERO, C. ; FREITAS-GONCALVES, B. F. ; CORREA-GILLIERON, E.M . La ensenânza práctica en el curso de Fonoaudiologia a través de modelos tridimensionales: uma alternativa promisoria. REVISTA CHILENA DE FONOAUDIOLOGIA , 2018.

  • PAULA, A. R. ; OLIVEIRA, A. ; GONCALVES, B. ; CARVALHO, D. M. F. ; ROLIM, J. S. ; CARDOSO, R. S. P. ; ALMEIDA, S. L. A. ; MALAGOLLE, T. C. V. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Como iludir o Cérebro. 2018. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • PINAGE, B. G. A. ; FRANCHINE, B. ; SOUZA, C. C. CAMPOS ; NUNES, G. ; SALES, J. A. Gomes ; GOMES, L. G. ; GUIMARAES, M. G. R. ; SILVA, M. C. Menezes ; NASCIMENTO, M. G. G. ; SOUSA, N. C. B. ; SILVA, R. O. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Treinando o Cérebro. 2018. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • SOUZA, C. M. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Como Manter o seu Cérebro Jovem. 2018. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; SILVA, R. O. ; OLIVEIRA, A. ; OLIVEIRA, G. S. ; GONCALVES, B. ; SOUSA, N. C. B. ; PRADO, C. A. . Musicando a Consciência .. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • SOUZA, N. ; Hora, G. ; PAULA, A. R. ; SILVA, R. O. ; SALES, J. A. Gomes ; SILVA, M. C. Menezes ; ALVES, L. Antunes ; OLIVEIRA, G. Souza. ; GONÇALVES-NASCIMENTO, B. G. ; MALAGOLLE, T. C. V. ; PINAGE, B. G. A. ; CORREA-GILLIERON, E.M . O MUSEU 3D aplicado ao ensino médio (conhecendo a UFRJ). 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • OLIVEIRA, A. ; GONCALVES, B. ; PRADO, C. A. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Oficina de Divulgação Científica - Implante coclear: Do silêncio para o som'. 2017. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • PAULA, A. R. ; ARAUJO, E. ; OLIVEIRA, G. Souza. ; SALES, J. A. Gomes ; SILVA, M. C. Menezes ; SOUSA, N. C. B. ; MALAGOLLE, T. C. V. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Oficina de Divulgação Cientifica - Amamentar promove saúde!. 2017. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; OLIVEIRA, A. ; PINAGE, B. ; PRADO, C. A. ; SOUZA, C. ; ARAUJO, E. ; COSTA, G. ; FIDELIS, J. ; SALES, J. A. Gomes ; SILVA, M. C. Menezes ; GUEDES, M. ; SOUZA, N. . Oficina Setembro Amarelo.O mês pode ser amarelo, seu sorriso não. 2017. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • PEREIRA, T. L. ; Dutra, Helio dos Santos ; CORREA-GILLIERON, E.M . Influência dos Linfócitos T no Transplante de medula óssea em pacientes com cancer.CÂNCER. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • PINAGE, B. G. A. ; SILVA, R. O. ; SOUZA, C. ; NUNES, G. ; GOMES, L. ; GUEDES, M. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Você entrou na Universidade! Qual será seu diferencial a partir de agora?. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • OLIVEIRA, A. ; PAULA, A. R. ; SILVA, R. O. ; PRADO, C. A. ; SOUZA, N. ; Hora, G. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Oficina - Consciência Musical. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • Dutra, Helio dos Santos ; CORREA-GILLIERON, E.M . Oficina de Divulgação Científica:Influência dos linfócitos T no transplante de medula óssea em pacientes de câncer. 2017. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • OLIVEIRA, A. ; GONCALVES, B. ; FRANCHINE, B. ; CARVALHO, D. M. F. ; ROLIM, J. S. ; GUIMARAES, M. G. R. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Oficina: Novembro Azul. Câncer de próstata: um desafio para a saúde do homem. .. 2017. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • SOUZA, C. M. ; Hora, G. ; OLIVEIRA, D. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Radionovela Flash Mob : Uma conscientização. Uso da voz e dramaturgia. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • OLIVEIRA, A. ; GONCALVES, B. ; PRADO, C. A. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Implante Coclear: Do silêncio ao som. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • SILVA, R. C. ; OLIVEIRA, D. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Modelando a matemática e conhecendo a energia. Uma proposta educacional interativa para professoresp.74, artigo 743.. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • SOUZA, C. M. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Experiência do Futuro Fonoaudiólogo na Extensão Universitária. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • ANDRADE, L. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Oficina de Divulgação Cientifica - Sons e Ritmos da Ciência. 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • SOUZA, C. M. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Experiência do Futuro Fonoaudiólogo na Extensão Universitária. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • SOUZA, C. M. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Experiência do Futuro Fonoaudiólogo na Extensão Universitária: Divulgando ciência como transformador sociocultural.. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • SOUZA, C. M. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Experiência do Futuro Fonoaudiólogo na Extensão Universitária: Divulgando ciência como transformador sociocultural.. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • SOUZA, C. M. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Experiencia do futuro fonoaudiologo na extensão universitária:Divulgando ciencia como transformador sociocultural. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • SOEIRO, T. C. C. ; Cunha, Camila de V.O ; MACHADO, E. T. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Oficina: Vamos testar o memorizar? (subprojeto Raciocina Guri). 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • SANTANA, C. N. ; NOVEGA, L. S. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Oficina: A memória e a atuação da Terapia Ocupacional: métodos e ferramentas para a melhora da memória.. 2016. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • Ferreira, Ana Flavia Louzada ; SOUZA, C. M. ; ALMEIDA, N. C. D. ; CARNEVALE, G. D. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Oficina: Tarefa de Stroop - Cores nas palavras. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • SANTANA, C. N. ; SOEIRO, T. C. C. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Oficina: Por que tão pouco? Memória de curta duração (IPPMG). 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • SOEIRO, T. C. C. ; Cunha, Camila de V.O ; MACHADO, E. T. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Oficina: Sequência: Teste sua memória. 2016. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • Hora, G. ; CLAASSEN, J. V. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Oficina: Mural Karaoke: Um pequeno resgate de memórias musicais. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • TOME, N. O. ; GONCALVES, B. ; SOUZA, N. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Oficina: O Museu 3D promovendo lembranças!. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • Ferreira, Ana Flavia Louzada ; SOUZA, C. M. ; CARNEVALE, G. D. ; ALMEIDA, N. C. D. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Oficina: Reconstruindo o assunto. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • Ferreira, Ana Flavia Louzada ; SOUZA, C. M. ; CARNEVALE, G. D. ; ALMEIDA, N. C. D. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Oficina - A Roda dos nomes. 2016. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • TOME, N. O. ; GONCALVES, B. ; SOUZA, N. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Oficina: Museu 3D promovendo comunicação: audição e fonação. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • SOEIRO, T. C. C. ; MACHADO, E. T. ; Cunha, Camila de V.O ; CORREA-GILLIERON, E.M . Oficina: Esquecer ou lembrar , como acontece?. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • SANTANA, C. N. ; NOVEGA, L. S. ; SOEIRO, T. C. C. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Oficina: Sequenciando e Memorizando. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • GONCALVES, B. ; SOUSA, N. C. B. ; TOME, N. O. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Fonação em ação! Conhecendo para aplicar: Comunicação e identificação.. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • Hora, G. ; OLIVEIRA, D. ; SOUZA, C. M. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Oficina : Rádio Novela Flashmob. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • LAEBER, C. ; CLAASSEN, J. V. ; Hora, G. ; CORREA-GILLIERON, E.M . A tridimencionalidade dos agrotóxicos. Uma divulgação educacional e cientifica.. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • SOUZA, C. M. ; CARNEVALE, G. D. ; ALMEIDA, N. C. D. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Ver e Enxergar! Se IIudir e Interpretar. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • OLIVEIRA, D. ; SILVA, R. C. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Modelando o conhecimento dos estados fisicos da matéria. Uma proposta educacional. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • CORDEIRO, Daianne. N. ; CHAGAS, A. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Catalogação do acervo do Museu 3D.. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • SOUZA, C. M. ; Ferreira, Ana Flavia Louzada ; CORREA-GILLIERON, E.M . Oficina: Reconstruindo o assunto. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • TOME, N. O. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Oficina: Qual é a ordem?. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • OLIVEIRA, D. ; SILVA, R. C. ; CORREA-GILLIERON, E.M . A modelagem tridimensional como recurso para aula teórico-prática. Uma alternativa real e efetiva. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • Cunha, Camila de V.O ; MACHADO, E. T. ; SOEIRO, T. C. C. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Memorizando e sequenciando na prática do Museu 3D. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • CORREA-GILLIERON, E.M . Modelando os temas e aprendendo. 2016. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • SOUZA, C. M. ; CARNEVALE, G. D. ; ALMEIDA, N. C. D. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Oficina : Entenda sua Visão. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • CORREA-GILLIERON, E.M . Mini Workshop: Novos Métodos de Ensino: Participação do Museu 3D. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • SANTANA, C. N. ; SOEIRO, T. C. C. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Oficina: Quebra-cabela do cérebro - Raciocina Guri. 2015. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • Corrêa-Veiga, T. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Oficina: Promovendo o bem estar e a saúde vocal dos profissionais da educação. 2015. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • CORREA-GILLIERON, E.M . Seu Cérebro, sua Voz. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; Corrêa-Veiga, T. ; Oliveira, L.S ; Faria-Junior, J.A . ?Sábado da Ciência (Tema Sangue Bombeando Conhecimento) Oficina:Embrião de galinha: O meu coração bate por você. Mediadora. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • CONCEICAO, C. S. ; Ferreira, Ana Flavia Louzada ; MENDES, J. M. V. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Museu 3D na promoção da saude:alimentação infantil e sobrepeso.. 2015. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • FAGUNDES, S. L. ; TOME, N. O. ; BASTOS, N. P. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Museu 3D Promovendo Saúde ? O Grito e suas consequências morfofuncionais. 2015. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • SANTANA, C. N. ; SOEIRO, T. C. C. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Raciocina Guri! Sub-projeto. 2015. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; Dutra, Helio dos Santos ; Ferreira, Ana Flavia Louzada ; Silva-Conceição, C. ; SOUZA, C. M. ; BASTOS, N. P. ; FAGUNDES, S. L. ; VEIGA, T. . Células tronco da medula ossea - Mediadora. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • CASTRO, B. R. ; CONCEICAO, C. S. ; Ferreira, Ana Flavia Louzada ; SANTANA, C. N. ; SOUZA, C. M. ; BASTOS, N. P. ; TOME, N. O. ; FAGUNDES, S. L. ; SOEIRO, T. C. C. ; DINIZ, T. ; VEIGA, T. ; CHAGAS, A. ; Hora, G. ; Dutra, Helio dos Santos ; ANDRADE, L. ; CURY, M. ; CORREA-GILLIERON, E.M . O Museu focado na luz - Divulgação Científica - Mediadora. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • GONÇALVES-NASCIMENTO, B. G. ; SOUSA, N. C. B. ; TOME, N. O. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Oficina: O MUSEU 3D promovendo saude - O grito e suas repercussões. 2015. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • SANTANA, C. N. ; SOEIRO, T. C. C. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Daltonismo. Apresentada no IPPMG (do Sub-projeto Raciocina Guri). 2015. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • Correa-Gillieron, EM ; Freitas-Gonçalves, B. ; Gomes da Silva, V. ; Corrêa-Veiga, T. ; Silva-Conceição, C. ; Soares,Ciro . Oficina - Percepção de Nossas Origens. 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • CORREA-GILLIERON, E.M . Conhecendo o coração: Estruturas e funcionamento em uma didática diferenciada. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; Corrêa-Veiga, T. ; SANTANA, C. N. ; SOEIRO, T. C. C. . Nova pespectiva pedagogica e social sobre a má formação da face. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; FREITAS-GONCALVES, B. F. ; MORGADO, S. M. ; FAGUNDES, S. L. . O ciclo celular e a telomerase. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • SILVA, V. G. ; SILVA, N. M. ; CORREA-GILLIERON, E.M . O ensino do olho sob uma nova perspectia pedagógica. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • Freitas-Gonçalves, B. ; Gomes da Silva, V. ; CORREA-GILLIERON, E.M . O Uso do Acervo em 3D para auxiliar o entendimento em saúde. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • FREITAS-GONCALVES, B. F. ; CONCEICAO, C. S. ; CORREA-GILLIERON, E.M ; Corrêa-Veiga, T. ; Gomes da Silva, V. . Museu 3D: Uma nova visão para a inclusão social do estrábico. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • CONCEICAO, C. S. ; SATHLER, R. H. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Conhecendo o coração: Estruturas e funcionamento em uma didática diferenciada. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • LIMA, C. S. ; Freitas-Gonçalves, B. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Reconstrução Educacional.A modelagem auxiliando o ensino do desenvolvimento de um órgão.. 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • Perse-da-Silva,Thais ; Costa, R. R. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Pulmão: Uma resposta inflamatória decorrente do excesso de zinco. 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • CORREA-GILLIERON, E.M . Jornadas de Embriologia. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; Hora, G. ; Freitas-Gonçalves, B. ; Perse-da-Silva,Thais ; LIMA, C. S. ; Madeira, Raquel A. . Museu 3D Mostra o Cerebro - Uma Visão Comparativa. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; Dutra, Helio dos Santos ; SILVA, V. G. . Oficina 7(OF7) -O Coração - Uma Demonstração Científica e Educacional. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • CORREA-GILLIERON, E.M . Como funciona o seu coração?. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • CORREA-GILLIERON, E.M . Oficina n.1 (OF1)-Memória no ensinar e no aprender. 2013. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; Hora, G. ; Freitas-Gonçalves, B. . O Projeto de Extensão Museu 3D no Evento Conhecendo a UFRJ. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; Silva-Conceição, C. . Coração ? Uma Demonstração Científica e Educacional. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • Costa, R. R. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Oficina 6 (Of 6) Meus orgãos sexuais minha responsabilidade. 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; Hora, G. ; FREITAS-GONCALVES, B. F. ; LIMA, C. S. . Memória e Ensino - Formação Continuada de Educadores. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; Dutra, Helio dos Santos ; CIAVAGLIA, M. C. ; Soares,Ciro ; Perse-da-Silva,Thais ; Hora, G. ; Madeira, Raquel A. ; FREITAS-GONCALVES, B. F. ; ANDRADE, L. . O Museu 3D ligado no Planeta. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • CORREA-GILLIERON, E.M . Memória + Saúde. Como anda a saúde da sua memória?. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • CORREA-GILLIERON, E.M . Ciência e Tecnologia e Educação Básica: A divulgação científica nas Universidades e nos municípios,. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • Hora, G. ; CORREA-GILLIERON, E.M . O Projeto de Extensão Museu 3D. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; LIMA, C. S. ; Hora, G. . Projeto Museu 3D : Participando do Ensino Médio. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; LIMA, C. S. ; Hora, G. . Projeto Museu 3D - Participando do Ensino Médio. 2011. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • DELLAMARQUE, G. R. ; Januário, Priscilla ; Fogel, Débora ; CORREA-GILLIERON, E.M . Identificação de Proteínas Inflamatórias em Amiloidose Pulmonar Causado pelo Modelo de Hiperzincemia. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • MELLO, R. A. ; Hora, G. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Museu 3D - A Capacidade de Aprender conceitos biomédicos através de modelos tridimensionais. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • Hora, G. ; LIMA, C. S. ; Aquino, Raphael ; CORREA-GILLIERON, E.M . cod.855. Museu 3D - A capacidade de aprender conceitos biomédicos através de modelos tridimensionais. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • CORREA-GILLIERON, E.M . O Projeto Museu 3D. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • CORREA-GILLIERON, E.M . A Glândula Pineal. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • CORREA-GILLIERON, E.M . Resposta Inflamatória e formação de agregados proteicos em resposta a uma dose excessiva de zinco: Implicações para os sistemas respiratório, renal, e nervoso ,. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • CORREA-GILLIERON, E.M . A Glândula Pineal. 2009. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • CORREA-GILLIERON, E.M . MUSEU 3D. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • CORREA-GILLIERON, E.M . Anencefalia - (Alegretto,Menuetto, Adaggio). 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • GOMES-FERREIRA,B. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Amiloidose obtida em modelo de hiperzincemia e analisada pelo método do permanganato de potássio. 2008. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • GOMES-FERREIRA,B. ; CORREA-GILLIERON, E.M . ID 3532-1. Amiloidose obtida em modelo de hiperzincemia e analisada pelo método do permanganato de potássio. 2008. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • GOMES-FERREIRA,B. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Cod. ID:3532-1 - Amiloidose obtida em modelos de Hiperzincemia e analisada pelo método do permanganato de potássio.. 2008. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; Ferezin-Pinto, C. . Histopathologycal Alterations Associated with Excessive Doses of Zinc Sulphate.. 2007. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • CORREA-GILLIERON, E.M . Características Ultraestruturais de Sinapses pelo M[étodo do E-PTA. 1995. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • CORREA-GILLIERON, E.M . Snaptogênese nas camadas retino-recipientes do colículo superior no Didelphis marsupialis. 1994. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • OLIVEIRA, D. ; SILVA, R. C. ; CORREA-GILLIERON, E.M . MODELANDO O CONHECIMENTO DOS ESTADOS FÍSICOS DA MATÉRIA. UMA PROPOSTA EDUCACIONAL INTERATIVA PARA PROFESSORES.. Rio de Janeiro: UFRJ, 2016 (Trabalho Premiado).

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; OLIVEIRA, D. ; SILVA, R. C. . PREMIO MENÇÃO HONROSA EM EDUCAÇÃO 2016 (Trabalho Premiado).

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; Silva-Conceição, C. ; Ferreira, Ana Flavia Louzada ; SOUZA, C. M. . MUSEU 3D NA PROMOÇÃO DA SAÚDE: ALIMENTAÇÃO INFANTIL E O SOBREPESO (EDUCAÇÃO),. Rio de Janeiro: FUJB, 2015 (Trabalho Premiado).

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; FAGUNDES, S. L. ; RODRIGUES, C. R. . MUSEU 3D PROMOVENDO SAÚDE ? O GRITO E SUAS CONSEQUÊNCIAS MORFOFUNCIONAIS (EDUCAÇÃO). Rio de Janeiro 2015 (Trabalho Premiado).

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; FAGUNDES, S. L. . MUSEU 3D PROMOVENDO SAÚDE ? O GRITO E SUAS CONSEQUÊNCIAS MORFOFUNCIONAIS (EDUCAÇÃO),. Rio de Janeiro: FUJB, 2015 (Trabalho Premiado).

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; Ferezin-Pinto, C. . Caderno de Prática - Embriologia Geral. Rio de Janeiro 2008 (apostila).

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; Ferezin-Pinto, C. . Caderno de Estudos e Práticas - Embriologia Geral. Rio de Janeiro 2007 (apostila).

  • Sales, N.S ; Ferezin-Pinto, C. ; Guedes, F. G. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Hyperzincemie:The Researchs by an Experimental Model of dose-effects in pineal gland(PG) of rats during the development. Temuco: Int.journal Morphology Health Publications, 2006 (Trabalho Premiado).

  • Sales, N.S ; CORREA-GILLIERON, E.M . PRÊMIO NA CATEGORIA ANATOMIA MICROSCÓPICA - Melhor Trabalho (Nota Máxima) 2006 (Trabalho Premiado).

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; Ferezin-Pinto, C. . Caderno de Estudos e Práticas - Embriologia Geral. Rio de Janeiro: Laboratório de Neurobiologia UFRJ, 2005 (apostila).

  • CORREA-GILLIERON, E.M ; Ferezin-Pinto, C. . Caderno de Estudos e Práticas - Embriologia Geral. Rio de Janeiro: Laboratório de neurobiologia, 2004 (apostila).

  • CORREA-GILLIERON, E.M . O Uso do Microscopio. Rio de Janeiro 2000 (apostila).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

CORREA-GILLIERON, E.M . Construindo Pontes entre a Evidencia Cientifica e a Gestão em Saude. 2014.

CORREA-GILLIERON, E.M . Projeto Saúde e Educação para Cidadania. 2013.

CORREA-GILLIERON, E.M . Consultoria do Projeto: Centro-Modelo p/atendimento e portadores da Doença de Alzheimer e outras Demencias-Núcleo de Assistencia Social e comunitaria -Centro-Modelo para desenvolvimento de Pesquisa na Area de Cuidados a Demenciados. 1998.

CORREA-GILLIERON, E.M ; Alicke, L. . Revisora Cientifica -Livro: Cuidados com Portadores da Doença de Alzheimer:Um manual para Cuidadores e Casas Especializadas. (Care of Alzheimer`s Patients: Manual for Nursing Home Staff American Health Care Association and Alzheimer`s Disease and Related Disorers Association, Gwyther, ACSW,trad:Alicke, L.). 1996.

OLIVEIRA, D. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Plano Inclinado especial para Síndrome de Ehlers-Danlos VI-B. 2017.

LIMA, C. S. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Coração Humano - Modelo em 3D. 2013.

LIMA, C. S. ; CORREA-GILLIERON, E.M . A circulação sanguínea no boneco minion. 2013.

OLIVEIRA, D. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Adaptações Técnicas para aperfeiçoamento da percepção visual (Plataforma Brasil). 2017.

ALMEIDA, S. L. A. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Restauração: Rim Humano. 2018.

CORREA-GILLIERON, E.M ; PAULA, A. R. ; OLIVEIRA, A. ; GONCALVES, B. ; ANTUNES, L. ; SOUZA, N. ; SILVA, R. O. ; SILVA, M. C. Menezes ; SALES, J. A. Gomes ; SOUZA, C. ; PRADO, C. A. ; OLIVEIRA, G. S. . Divulgaçao Cientifica no Conhecendo a UFRJ 2017 - Folder o O projeto Museu 3D ação no ensino médio. 2017.

CORREA-GILLIERON, E.M ; PRADO, C. A. . Divulgação Científica Setembro Amarelo - Folder 'O mes pode ser amarelo...seu sorriso não!. 2017.

CORREA-GILLIERON, E.M ; OLIVEIRA, A. ; GONCALVES, B. ; PRADO, C. A. . Divulgação Científica - Folder - Implante Coclear: Do silêncio para o som. 2017.

CORREA-GILLIERON, E.M ; PAULA, A. R. ; OLIVEIRA, G. S. ; SALES, J. A. Gomes ; SILVA, M. C. Menezes ; SOUSA, N. C. B. ; MALAGOLLE, T. C. V. . Divulgaçao Cientifica - Folder agosto Dourado - Mês de Incentivo a Amamentação. 2017.

CORREA-GILLIERON, E.M . Restauração - Modelo em 3D do cortex cerebral - em corte sagital. 2016.

CORREA-GILLIERON, E.M . Restauração - Modelo em 3D do olho humano - modelo móvel de abrir em duas partes.. 2016.

TOME, N. O. ; SOUZA, N. ; GONCALVES, B. ; FAGUNDES, S. L. ; VEIGA, T. ; BASTOS, N. P. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Restauração - Coleção desenvolvimento do sistema nervoso- encefalo. 2016.

CARNEVALE, G. D. ; ALMEIDA, N. C. D. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Restauração - Coleção desenvolvimento da face. 2016.

CORREA-GILLIERON, E.M ; GONÇALVES-NASCIMENTO, B. G. ; SOUZA, C. M. ; SOUSA, N. C. B. ; TOME, N. O. . Divulgaçao Cientifica - Folder : O Museu Promovendo Lembranças! Memória. 2016.

GONCALVES, B. ; SOUSA, N. C. B. ; TOME, N. O. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Divulgaçao Cientifica - Folder : Museu 3D promovendo saúde: O grito e suas consequencias morfofuncionais. 2016.

CORREA-GILLIERON, E.M ; Dutra, Helio dos Santos ; Ferreira, Ana Flavia Louzada ; Freitas-Gonçalves, B. ; CONCEICAO, C. S. ; SOUZA, C. M. ; BASTOS, N. P. ; FAGUNDES, S. L. ; VEIGA, T. . Divulgaçao Cientifica - Folder Seja um Doador Ou Incentive a doação de medula óssea. 2015.

CORREA-GILLIERON, E.M ; VEIGA, T. . Divulgaçao Cientifica - Folder : Museu Focado na Luz. 2015.

GONCALVES, B. ; SOUSA, N. C. B. ; TOME, N. O. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Oficina: Museu 3D promovendo saúde: o grito e suas repercussões. 2015.

Faria-Junior, J.A ; Oliveira, L.S ; Corrêa-Veiga, T. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Divulgaçao Cientifica - Folder : Sangue: Bombeando Conhecimento - Uma visão cardiovascular em 3D. 2015.

CORREA-GILLIERON, E.M . Parecer:Análise de alterações Neuroanatômicas em camundongos modelos de doenças neurodegenerativas à partir de imagens de ressonância magnética e de histologia quantitativa (Autores: Frederico Vilas Boas Rodrigues, Caroline Fernandes da Silva). 2015.

CORREA-GILLIERON, E.M . Parecer:Uma análise qualitativa sobre motivação de pacientes com esquizofrenia (Autores: Luana Gonçalves, Rogerio A. Panizzutti, Linda Scoriels, Larissa Genaro);. 2015.

CORREA-GILLIERON, E.M . Parecer:Interação parênquima-glioblastoma: Papel da proteína príon celular (Autores: Cristina Araujo, Celina Fonseca, Luiz Henrique Geraldo, Anna Carolina Fonseca);. 2015.

CORREA-GILLIERON, E.M . Parecer:Ações Sinaptogênicas dos Hormônios Tireoidianos no Córtex Cerebral (Autores: Maria Angelica Costa). 2015.

CORREA-GILLIERON, E.M . Parecer no projeto: Arte, Cultura e Acessibilidade na Atenção Básica. 2014.

CORREA-GILLIERON, E.M . Parecer no projeto: Assessoria Via Extensão Universitária. 2014.

CORREA-GILLIERON, E.M . Parecer no projeto: Prevenção do Uso Abusivo de Drogas. 2014.

CORREA-GILLIERON, E.M . Parecer no projeto: Construindo Pontes entre a Evidência Científica e a Gestão em Saúde. 2014.

CORREA-GILLIERON, E.M . Parecer no projeto:Educação Científica e Ambiental através de uma exposição artística dos mamíferos do norte-fluminenese. 2014.

CORREA-GILLIERON, E.M ; Freitas-Gonçalves, B. ; LIMA, C. S. ; Corrêa-Veiga, T. ; Gomes da Silva, V. . Divulgaçao Cientifica - Folder Percepção de Nossas Origens. 2014.

CORREA-GILLIERON, E.M . Divulgaçao científica: Folder - O Museu 3D Protagonizando o Desenvolvimento Social - vOCE SABIA?. 2014.

CORREA-GILLIERON, E.M . Parecer para seleção de trabalhos para a Jornada de Iniciação Cientifica da UFRJ. 2013.

CORREA-GILLIERON, E.M . Avaliação do trabalho na XXXV JICTAC : Desenvolvimento de um modelo animal para a doença de Parkinson.atraves da injeção instraestriatal de oligômeros de alfa-sinucleína. resumos científicos para a XXXV Jornada Giulio Massarani de Iniciaçao Cientifica e Cultural. 2013.

CORREA-GILLIERON, E.M . Avaliação do trabalho na na XXXV JICTAC: Os efeitos da injeção de pristane no compartimento medular na ausencia de galectina-3. 2013.

CORREA-GILLIERON, E.M . Avaliação do trabalho na XXXV JICTAC: Efeito do ranelato de estroncio sobre células mesenquimais do estroma da medula óssea e tecido adiposo.. 2013.

CORREA-GILLIERON, E.M . Avaliação do trabalho na XXXV JICTAC: Células gliais desempenham um papel chave durante o desenvolvimento e fisiopatologia do sistema nervoso. 2013.

CORREA-GILLIERON, E.M . Avaliação do trabalho na XXXV JICTAC Desenvolvimento de um modelo animal para a doença de Parkinson, atraves da injeção intraestriatal de oligômeros de alfa-sinucleina. 2013.

Hora, G. ; LIMA, C. S. ; OLIVEIRA, D. ; Freitas-Gonçalves, B. ; Costa, R. R. ; MADEIRA, R. ; Perse-da-Silva,Thais ; COUTO, I. A. ; MUNIZ DE BARROS, L. G. V. ; Dutra, Helio dos Santos ; ANDRADE, L. ; CIAVAGLIA, M. C. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Divulgação Científica - Folder Museu 3D no Coração do Ser (na SNCT). 2013.

CORREA-GILLIERON, E.M . Parecer para aprovação da apresentação de 03 resumos científicos para a XXXIV Jornada Giulio Massarani de Iniciaçao Cientifica e Cultural. 2012.

CORREA-GILLIERON, E.M . Representante em Colegiado de Categoria Universitária: Professores Adjuntos. 2012.

CORREA-GILLIERON, E.M . Representante Suplente na Categoria de Professores Adjuntos do ICB. 2012.

Hora, G. ; LIMA, C. S. ; Perse-da-Silva,Thais ; CORREA-GILLIERON, E.M . Divulgação Científica - Folder - Recursos Tridimensionais no ensino de ciências. 2012.

CORREA-GILLIERON, E.M . Avaliador - XXXIII Jornada Giulio Massarani de Iniciação Cientifica,Artistica e Cultural. 2011.

CORREA-GILLIERON, E.M . Parecer para seleção de trabalhos para a Jornada de Iniciação Cientifica da UFRJ. 2011.

CORREA, E. M. . Avaliador - XXXII Jornada Giulio Massarani de Iniciação Cientifica,Artistica e Cultural. 2010.

CORREA, E. M. . Avaliador - XXXII Jornada Giulio Massarani de Iniciação Cientifica,Artistica e Cultural. 2010.

CORREA-GILLIERON, E.M . Avaliador - XXXII Jornada Giulio Massarani de Iniciação Cientifica,Artistica e Cultural. 2010.

CORREA-GILLIERON, E.M . Projeto de Extensão - Projeto MUseu 3 D. 2010.

CORREA-GILLIERON, E.M ; Perse-da-Silva,Thais . AQUISIÇÃO DE BOLSA PIBIC/CNPq para aluno. 2010.

CORREA-GILLIERON, E.M . Elaboração de Projeto - Museu 3D. 2009.

Correa-Gillieron, EM . Parecer - Analise de Curriculo de Solicitante de PIBIC-BOLSA (Nº 2009/0133). 2009.

CORREA-GILLIERON, E.M . Parecer Tecnico -Nurociências ( Noltte,J.). 2009.

CORREA-GILLIERON, E.M . Elaboração de projeto - ESTUDO USANDO MODELO DE HIPERZINCEMIA EM RATAS ADULTAS JOVENS PARA DETERMINAR AS CONCENTRAÇÕES DE ZINCO COM AUXILIO DE TECNICAS DE INVESTIGAÇÕES MINERALÓGICAS. 2008.

CORREA-GILLIERON, E.M . Elaboração de projeto - RESPOSTA INFLAMATÓRIA E FORMAÇÃO DE AGREGADOS PROTÉICOS EM RESPOSTA A UMA DOSE EXCESSIVA DE ZINCO: IMPLICAÇÕES PARA OS SISTEMAS RESPIRATÓRIOS, RENAL E NERVOSO.. 2008.

CORREA-GILLIERON, E.M . Parecer tecnico - Embriologia basica trad. da 7 ed. ( Moore,K) (EDIÇÃO 2008). 2008.

CORREA-GILLIERON, E.M . Parecer Técnico (AcDOc) para a Proposta de Pesquisa D09B-XRF-8248 ? Laboratório Nacional de Luz Sincroton (LNS). 2008.

CORREA, E. M. . Parecer Tecnico - Fisiologia Dinâmica (Singi,G). 2007.

CORREA-GILLIERON, E.M . Parecer Técnico sobre Livro - Histologia - Conceitos Basicos dos Tecidos (Gitirana,L.B). 2007.

CORREA-GILLIERON, E.M . Elaboração Projetos: A GLANDULA PINEAL E SUAS NEUROSECREÇÕES. I) CORRELAÇÃO COM FITOTERÁPICOS; II) RELAÇÃO COM A METODOLOGIA FORENSE. 2007.

CORREA-GILLIERON, E.M . Elaboração de Projeto - A Glandula Pineal e suas Neurosecreções - Correlações da Melatonina com Fitoterápicos e outras Substancias Naturais. 2006.

CORREA-GILLIERON, E.M . Elaboração-Projeto A Glandula Pineal -Tumorogênese e Neoplasias Metastaticas - Correlação com: I) Melatonina; II) Expressão de Conexinas; III) Deposição de Proteína Amilóide; IV) Síntese Protéica de Células Pineais. 2006.

CORREA-GILLIERON, E.M . Elaboração-Projeto A Glandula Pineal e Agentes Toxicológicos - Correlação com Amilóides;Analise de Transportadores de Zinco pela Tecnica do PCR. Detecção por microanálise de raio X de depósitos de zinco. 2006.

CORREA-GILLIERON, E.M . Pareceres Técnico: Resumos para serem apressentados na Jornada de Iniciação Científica da UFRJ. 2006.

CORREA-GILLIERON, E.M . Relatorio de Atividades no Departamento de Histologia e Embriologia da UFRJ. 2006.

CORREA-GILLIERON, E.M . Estudo da Secreção de Melatonina e sua Relação com a Sinaptogênese. Aspectos Bioquímicos e Farmacológicos. 2006.

CORREA-GILLIERON, E.M . Parecer Técnico: Livro Neurociencias Fundamental para Aplicações Básicas e Clínicas 3a.ed.traduzida (Haines,D). 2006.

CORREA-GILLIERON, E.M . Relatorio de Atividades no Departamento de Histologia e Embriologia da UFRJ. 2005.

CORREA-GILLIERON, E.M . Parecer Técnico - Livro: Human Molecular Biology - Livro Autor: Epstein,RJ. 2004.

CORREA-GILLIERON, E.M . Parecer Tecnico - Livro Neurociencias - Fundamentos para a Reabilitação. Autor; Lundy-Ekman,I. 2004.

CORREA-GILLIERON, E.M . Relatorio de Atividades no Departamento de Histologia e Embriologia da UFRJ. 2004.

CORREA-GILLIERON, E.M . Parecer Técnico - Embriologie - Livro Autor:Rohen,L. 2003.

CORREA-GILLIERON, E.M . Parecer Tecnico - Livro Atlas of Embryology . Autor: Kapeller,. 2003.

CORREA-GILLIERON, E.M . Parecer Técnico no: Projeto de Educação e Saude para o Desenvolvimento Humano .Autor: Maria do Carmo Ciavaglia. 2002.

CORREA-GILLIERON, E.M . Elaboração de Projeto - A Glandula Pineal e Agentes Toxicológicos - Modelo de Hiperzincemia na Pineal e Hipocampo. Correlação com a Doença de Alzheimer. 2002.

CORREA-GILLIERON, E.M . Elaboração de Projeto - Hetereogeneidade da Glia Pineal - Microgliócitos e Astrócitos da Pineal em condições normais ou especiais (escuro e iluminação ininterrupta). 2000.

CORREA-GILLIERON, E.M . Elaboração de projeto - Estudo Morfológico da Glandula Pineal - Estudo de Fibras e Formação Fibrosa no Desenvolvimento da Glandula Pineal com o Uso de Técnicas Histoquímicas. 2000.

CORREA-GILLIERON, E.M . Estudo da Ação de Metais Pesados na Glandula Pineal. Parte 1 - Modelo de Hiperzincemia. 2000.

CORREA-GILLIERON, E.M . Elaboração do Projeto Estudo do Desenvolvimento das Projeções Aferentes e Eferentes da Glândula Pineal durante o Desenvolvimento. 1999.

CORREA-GILLIERON, E.M . Elaboração de Projeto - Estudo Morfológico da Glandula Pineal -Aspectos Morfológicos e Morfométricos das Células Glicogenio Positivas na Pineal de Ratos em Desenvolvimento e Adultos. 1999.

CORREA-GILLIERON, E.M . Elaboração de Projeto - Estudo Morfológico da Glandula Pineal - Analises de Elementos da Matriz Extracelular. 1999.

CORREA-GILLIERON, E.M . Elaboração de Projeto - Observação da Glândula Pineal através da Microscopia de Varredura.. 1999.

CORREA-GILLIERON, E.M . Estudo da Secreção de Melatonina e sua Relação com a Sinaptogênese. 1999.

CORREA-GILLIERON, E.M . Relatório Técnico para o PROIN. 1998.

CORREA-GILLIERON, E.M . Elaboração de Projeto - Estudo dos Receptores Muscarínicos na Glandula Pineal durante a Sinaptogênese da Glandula Pineal. 1997.

CORREA-GILLIERON, E.M ; Mandarim-de-Lacerda, C. . Estudo Morfologico da Glandula Pineal de Vertebrados -Parte 1a. Citoarquitetura e Matriz extracelular. parte 1b- Lecitinas e Análises Estereológicas. 1997.

CORREA-GILLIERON, E.M . Relatório técnico para FUJB-FINEP. 1997.

CORREA-GILLIERON, E.M . Membro da Comissão de Acompanhamento de Docentes. 1997.

CORREA-GILLIERON, E.M . Relatório Tecnico para Bolsa Apoio a Recém-Doutorores - Antonio Lins Viana, SR2,UFRJ. 1996.

CORREA-GILLIERON, E.M . Revisora Científica do Livro: Cuidados com Portadores da Doença de alzheimer:Um manual para Cuidadores e Casas Especializadas.. 1996.

CORREA-GILLIERON, E.M . Elaboração de Projeto - Avaliação da Sinaptogênese em Áreas do Sistema Nervoso Central. 1995.

CORREA-GILLIERON, E.M . Avaliadora em Concursos Vestibulares Unificados da CESGRANRIO. 1987.

CORREA-GILLIERON, E.M . Avaliadora em Concursos Vestibulares Unificados da CESGRANRIO. 1986.

CORREA-GILLIERON, E.M . Avaliadora em Concursos Vestibulares Unificados da CESGRANRIO. 1985.

CORREA-GILLIERON, E.M . Avaliadora em Concursos Vestibulares Unificados da CESGRANRIO. 1984.

CORREA-GILLIERON, E.M . COLUNA PERGUNTE AO PROFESSOR - CONHEÇA OS PROFESSORES DA BIOMEDICINA UFRJ E SUAS LINHAS DE PESQUISA. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

CORREA-GILLIERON, E.M . Museu 3D na Semana de Ciência e Tecnologia. 2012. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

CORREA-GILLIERON, E.M . Entrevista sobre: NASCER OU MORRER. 2009. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

CORREA-GILLIERON, E.M . Laboratorio de Neurobiologia. 2006. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

CORREA-GILLIERON, E.M . Pesquisa procura decifrar os prejuízos do excesso de zinco. 2006. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

CORREA-GILLIERON, E.M . Homepage do Projeto de Extensão Museu 3D. 2017; Tema: Informes do projeto de Extensão Museu 3D, organização, gestão, equipes, etc. (Site).

CORREA-GILLIERON, E.M . O Museu 3D Virtual. 2015; Tema: Biblioteca de Modelos didáticos antigos online. (Site).

CORREA-GILLIERON, E.M . Núcleo de Extensão Museu 3D. 2015; Tema: facebook para notificar todas as ações do Projeto de Extensão Museu 3D. (Rede social).

CORREA-GILLIERON, E.M ; LIMA, C. S. ; MUNIZ DE BARROS, L. G. V. . O MUSEU 3D. 2013; Tema: O Núcleo de Extensão Museu 3D. (Site).

CORREA-GILLIERON, E.M . Para que serve o capacete?. 2013; Tema: Informação sobre a importância do uso de capacetes de motociclista.. (Site).

CORREA-GILLIERON, E.M . O fio dos nossos cabelos. 2013; Tema: Informação sobre a estrutura do fio de cabelo. (Site).

CORREA-GILLIERON, E.M . Histórias vividas..amor pelos filhinhos. 2013; Tema: Divulgação sobre a raça de felinos Maine Coon. (Site).

Correa-Gillieron, EM . Texto educativo/Divulgação científica na mídia/Assento de moto causa EREÇÃO??????. 2012; Tema: Aparelho genital masculino, mecanismo fisiologico da ereção. Reportagem em site publico.. (Site).

Correa-Gillieron, EM . Texto educativo/Divulgação científica na mídia/ Unhas vivas, e que gostam de cuidados. 2012; Tema: Unhas: estrutura , problemas, cuidados. psoriáse. Texto educativo em site público.. (Site).

Correa-Gillieron, EM . Texto educativo/Divulgação científica na mídia./ Dengue no Brasil. 2012; Tema: Questionario sobre Dengue. (Blog).

Correa-Gillieron, EM . Web Quest (WQ) Ambientes de Aprendizagem e Tutoria. 2012; Tema: metodologia de pesquisa orientada da Web. (Blog).

Correa-Gillieron, EM . Texto educativo/Divulgação científica na mídia/Questionarios - Como ferramenta. 2012; Tema: Analisando um texto sobre Questionários (Quiz) na Plataforma Moodl. (Blog).

CORREA-GILLIERON, E.M . Pesquisa procura decifrar os prejuízos do excesso de zinco. 2006; Tema: Matweria cientifica, Jornalista Mariana Elia, edição 061 de 9 de novembro de 2006. (Site).

CORREA-GILLIERON, E.M . Tecido Nervoso e meninges. 2018. (Obra artistica didática - Modelo 3D).

CORREA-GILLIERON, E.M ; NASCIMENTO, M. G. G. ; GUEDES, M. . Placa Motora restauração. 2018. (Obra artistica didática - Modelo 3D).

CORREA-GILLIERON, E.M ; GUEDES, M. . Modelo tridimensional de desenvolvimento da face (2 peças). 2018. (Obra artistica didática - Modelo 3D).

GONÇALVES-NASCIMENTO, B. G. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Caderno de Estudos Sistemas Sensoriais ? Parte Geral (Auditivo e Vestibular) e Arcos Faríngeos. 2017. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - ApostilaparaEnsino-Fonoaudiologia).

PEREIRA, R. A. C. ; PIRES, R. P. ; FERREIRA, A. C. S. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Video aula. projeto Didático. Sou um Astrócito , por que existo?. 2017. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - vídeo educacional).

LOPES, A. S. ; SANTOS, P. L. C. ; SILVA, I. L. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Video aula. projeto Didático. Nervos cranianos-Ações e reações. 2017. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - vídeo educacional).

SANTOS, S. M. ; SILVA, M. C. A. ; SANTOS, L. S. ; Correa-Gillieron, EM . Video aula. projeto Didático. Nervos Espinais - Ações E Reações. 2017. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - vídeo educacional).

PEREIRA, L. Y. B. S. ; ALMEIDA, S. L. A. ; SALES, I. M. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Video aula. projeto Didático. edula Espinal e dermátomos. 2017. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - vídeo educacional).

SANTOS, J. P. ; SOUZA, J. M. ; SANTOS, J. A. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Video aula. projeto Didático. Neurogênese - Do neurônio a Célula Ependimária.Nascemos!. 2017. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - vídeo educacional).

VIRGINIO, P. B. ; PAULA, F. C. ; MOURA, V. J. R. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Video aula. projeto Didático. Sinapses Químicas em Ação. 2017. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - vídeo educacional).

SANTOS, N. ; DEOLINDO, L. ; HENRIQUE, C. ; AMARAL, A. B. ; Correa-Gillieron, EM . Video aula. projeto Didático. Sinapses Elétricas dão choque??. 2017. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - vídeo educacional).

SILVA, G. P. F. ; COSTA, A. L. R. ; PRUCOLI, I. ; D.VICTORINO, T. C. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Video aula. projeto Didático. Sistema Olfatório - Que cheiro é esse?. 2017. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - vídeo educacional).

LIMA, C. S. ; KAPPEL, A. C. ; SANTIAGO, R. M. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Video aula. projeto Didático. As Meninges são memes? Por que existem?. 2017. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - vídeo educacional).

SOUZA, L. G. ; LEAL, F. ; EDUARDO, L. B. T. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Video aula. projeto Didático. Ganglios: quem são esses caras? Onde estão?. 2017. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - vídeo educacional).

BARBOSA, R. C. M. ; OLIVEIRA, F. C. ; CAMARA, R. F. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Video aula. projeto Didático. Sou um Neurônio, o chefão!. 2017. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - vídeo educacional).

SILVA, R. T. M. ; PENIDO, V. P. ; MIRANDA, Q. L. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Video aula. projeto Didático. Sou um Oligodendrócito, sirvo para que?. 2017. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - vídeo educacional).

GONCALVE, A. V. ; RIBEIRO, L. S. R. ; DIAS, L. S. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Video aula. projeto Didático. Sou uma Célula de Schwann, o que faço e como atuo na Regeneração?. 2017. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - vídeo educacional).

CORREA-GILLIERON, E.M . Material didático de Apoio : Sistema auditivo e vestilbular. 2017. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila para Ensino - Material didático de apoio).

CORREA-GILLIERON, E.M ; CHAGAS, A. . Inventário da Coleção Didática do ICB. 2017. (Editoração/Catálogo).

Correa-Gillieron, EM . Coleção Didática do ICB. 2017. (Manutenção de obra artística/Conservação).

CORREA-GILLIERON, E.M ; ALMEIDA, N. C. D. . Criação do modelo 3D Laringe - Laringetomia com cricohioidepiglotopexia. 2017. (Manutenção de obra artística/Outro).

CORREA-GILLIERON, E.M ; ALMEIDA, N. C. D. . Criação de Modelo 3D de laringe normal. 2017. (Manutenção de obra artística/Outro).

CORREA-GILLIERON, E.M . A glândula pineal em ação! semestre 1 e 2. 2017. (Conferencia-aula).

CORREA-GILLIERON, E.M ; ALMEIDA, N. C. D. . Laringe com Laringetomia com cricohioidepiglotopexia (Criação). 2017. (Obra artistica didática - Modelo 3D).

SILVA, R. O. ; SOUZA, C. C. CAMPOS ; PINAGE, B. G. A. ; GUEDES, M. ; NUNES, G. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Modelo Didático de Músculo (Restauração). 2017. (Obra artistica didática).

CORREA-GILLIERON, E.M . Sinapse quimica (restauração). 2017. (Obra artistica didática).

CORREA-GILLIERON, E.M . Sinapse eletrica (Restauração). 2017. (Obra artistica didática).

CORREA-GILLIERON, E.M . Medula espinal (Restauração). 2017. (Obra artistica didática - Modelo 3D).

CORREA-GILLIERON, E.M . Cabeça modelo implante coclear (criação). 2017. (Obra artistica didática - Modelo 3D).

CORREA-GILLIERON, E.M . A Neurogênese e o movimento intercinético (Restauração). 2017. (Obra artistica didática - Modelo 3D).

CORREA-GILLIERON, E.M ; Guedes, M. ; PINAGE, B. G. A. ; SILVA, R. O. ; NUNES, G. ; SOUZA, C. C. CAMPOS . Fuso Neuromuscular (Restauração). 2017. (Obra artistica didática - Modelo 3D).

CORREA-GILLIERON, E.M . O tecido nervoso (Restauração). 2017. (Obra artistica didática).

CORREA-GILLIERON, E.M ; ALMEIDA, N. C. D. . Laringe normal. 2017. (Obra artistica didática).

TOME, N. O. ; GONCALVES, B. ; SOUZA, N. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Jogo didático:. O que eu lembro?. 2016. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Jogo Didático).

TOME, N. O. ; GONCALVES, B. ; SOUZA, N. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Jogo didático. Onde eu vivo?. 2016. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Jogo Didático).

TOME, N. O. ; GONCALVES, B. ; SOUZA, N. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Jogo didático:.Qual é a ordem? memória episódica. 2016. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Jogo Didático).

Ferreira, Ana Flavia Louzada ; SOUZA, C. M. ; ALMEIDA, N. C. D. ; CARNEVALE, G. D. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Jogo didático: Cores ou palavras?. 2016. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Jogo Didático).

Ferreira, Ana Flavia Louzada ; SOUZA, C. M. ; CARNEVALE, G. D. ; ALMEIDA, N. C. D. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Jogo didático. Roda da memória. 2016. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - JogoDidático).

Ferreira, Ana Flavia Louzada ; SOUZA, C. M. ; ALMEIDA, N. C. D. ; CARNEVALE, G. D. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Jogo didático.Reconstrução!. 2016. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Jogo Didático).

SOUZA, C. M. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Caderno do aluno Teorico-Pratica 2016.2 - Curso Fonoaudiologia -. 2016. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila para Ensino-Fonoaudiologia).

MELO, C. ; DETTIMAN, G. ; SIMOES, H. ; AMARAL, I. ; CHAGAS, K. ; SOARE, M. ; RAMOS, R. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Video aula - Projeto Didático - Córtex auditivo e orgaõ de corti (Tema Córtex auditivo / orgão de corti). 2016. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - vídeo educacional).

CORREA-GILLIERON, E.M . Caderno de Ensino teórico-prático - Neurobiologia parte 2 para trabalho em casa. 2016. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila para Estudo).

CORREA-GILLIERON, E.M ; PEREIRA, A. ; MOURA, D. F. ; RODRIGUES, M. ; SILVEIRA, R. S. ; MUNIZ, R. ; SILVA, R. J. ; CASTRO, V. A. . Video aula-Projeto Didático.Núcleos vestibulares e cerebelo. 2016. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - vídeo educacional).

CORREA-GILLIERON, E.M ; FALBO, I. ; GRACIELY, M. ; RIBEIRO, P. ; MOREIRA, P. R. P. ; VIANA, R. ; OLIVEIRA, P. ; RODRIGUEZ, R. ; NUNES, J. . Video aula Projeto Didático.Histologia do epitelio sensorial do órgão de Corti. 2016. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - vídeo educacional).

CORREA-GILLIERON, E.M ; MATTOS, .. L. ; LOPES, M. ; WOICHINESKI, M. ; PAIV, T. P. ; VIEIRA, P. A. P. ; NUNES, M. Y. B. ; LOBATO, B. B. ; BATISTA, G. S. . Vídeo aula - Projeto Didático As fibras nervosas e o amigo bulbo (Tema Fibras que levam informações vestibulares ao tronco encefálico e sua disposição no bulbo, e sua função). 2016. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - vídeoeducacional).

CORREA-GILLIERON, E.M ; SOUZA, C. M. . Apostila - PCI de neurobiologia - Sistema olfatório. 2016. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila para Ensino).

CORREA-GILLIERON, E.M ; Silva-Conceição, C. . Caderno de Atividades - Curso de Fonoaudiologia - Osso. 2016. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila para Ensino).

CORREA-GILLIERON, E.M ; ALMEIDA, N. C. D. ; CARNEVALE, G. D. ; SOUZA, C. M. . Restauração - Coleçao desenvolvimento da face. 2016. (Manutenção de obra artística/Restauração).

CORREA-GILLIERON, E.M ; TOME, N. O. ; SOUSA, N. C. B. ; BASTOS, N. P. ; FAGUNDES, S. L. ; VEIGA, T. . Restauração - Coleção Cérebro em Desenvolvimento ( em cortes). 2016. (Manutenção de obra artística/Restauração).

CORREA-GILLIERON, E.M ; GONÇALVES-NASCIMENTO, B. G. ; TOME, N. O. . Criação do Modelo 3D de laringe com pregas vocais em corte. 2016. (Manutenção de obra artística/Outro).

CORREA-GILLIERON, E.M ; TOME, N. O. . Restauração - Coleção desenvolvimeto sistema nervoso.. 2016. (Manutenção de obra artística/Restauração).

CORREA-GILLIERON, E.M ; TOME, N. O. ; GONCALVES, B. ; SOUZA, N. . Modelo tridimensional de pregas vocais 1. 2016. (Maquete).

CORREA-GILLIERON, E.M ; DINIZ, T. . Modelo tridimensional de laringe com pregas vocais. 2016. (Maquete).

CORREA-GILLIERON, E.M . Modelo Didático de Músculo (criação). 2016. (Obra artistica didática - Modelo 3D).

CORREA-GILLIERON, E.M . A Neurogênese e o movimento intercinético (criação). 2016. (Obra artistica didática).

CORREA-GILLIERON, E.M . Fuso Neuromuscular (criação). 2016. (Obra artistica didática).

CORREA-GILLIERON, E.M . A sinapse química (criação). 2016. (Obra artistica didática).

CORREA-GILLIERON, E.M . Sinapse eletrica (Criação). 2016. (Obra artistica didática).

CORREA-GILLIERON, E.M . Medula espinal (Criação). 2016. (Obra artistica didática).

CORREA-GILLIERON, E.M . O tecido nervoso (criação). 2016. (Obra artistica didática).

CORREA-GILLIERON, E.M . TRANSTORNOS DA NEUROSINALIZAÇÃO E ESTRESSE. 2015. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

CORREA-GILLIERON, E.M . Apostila de Estudos Meninges, Nervos e Gânglios, Medula espinal. 2015. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila para Ensino Neurobiologia).

CORREA-GILLIERON, E.M ; PEREIRA, D. . Caderno de Estudos e Atividades - PCI Neurobiologia - Disc.Histologia e Embriologia. 2015. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila para Ensino-Neurobiologia).

CORREA-GILLIERON, E.M . Apostila para Estudo - PCI de Neurobiologia - Neurohistologia. 2015. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila para Estudo).

CORREA-GILLIERON, E.M ; SANTANA, C. N. ; SOEIRO, T. C. C. . Puzzle de Memória. 2015. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - GráficosDidáticos).

CORREA-GILLIERON, E.M ; SOUZA, C. M. . Caderno de atividade Prática em sala - Formação da cabeça. 2015. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - ApostilaparaEnsino-SistemasSensoriais).

CORREA-GILLIERON, E.M . Apostila Noções de Histologia e Embriologia. 2015. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - ApostilaparaEnsino-SistemasSensoriais).

CORREA-GILLIERON, E.M . Apostila - Cérebro - Relação com a Fala e Linguagem. 2015. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila para Ensino de professores).

DINIZ, T. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Modelo tridimensional de laringe e lingua. 2015. (Manutenção de obra artística/Outro).

CORREA-GILLIERON, E.M ; DINIZ, T. . Criação do modelo de desenvolvimento do olho. 2015. (Manutenção de obra artística/Outro).

Ferreira, Ana Flavia Louzada ; CORREA-GILLIERON, E.M . Capis BOX - caixa visual. 2015. (Manutenção de obra artística/Outro).

Corrêa-Veiga, T. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Folder educativo - Promovendo o bem estar e a saúde vocal dos profissionais da educação. 2015. (Obra artistica didática).

FAGUNDES, S. L. ; BASTOS, N. P. ; TOME, N. O. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Coleção Desenvolvimento do Sistema Nervoso (Restauração). 2015. (Obra artistica didática).

CORREA-GILLIERON, E.M ; SANTANA, C. N. ; SOEIRO, T. C. C. . Puzzle de Memória. 2015. (Jogo Didático).

CORREA-GILLIERON, E.M . Reprodução Humana (útero, ovário , tuba uterina e clivagem e implantação. 2015. (Obra artistica didática).

CORREA-GILLIERON, E.M ; OLIVEIRA, D. . Caderno de Atividades Histologia e Embriologia (semestre 1). 2014. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila para Estudos Práticos).

CORREA-GILLIERON, E.M . Caderno de Estudos para Neurobiologia. 2014. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Estudos Práticos).

Correa-Gillieron, EM ; Silva-Conceição, C. . Caderno de Atividades - praticas. 2014. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila para Ensino).

FREITAS-GONCALVES, B. F. ; FAGUNDES, S. L. ; MORGADO, S. M. ; CORREA-GILLIERON, E.M . História em quadrinhos - O ciclo celular e a Telomerase. 2014. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - JogoDidático).

Corrêa-Veiga, T. ; MULLER, I. P. ; SANTANA, C. N. ; SOEIRO, T. C. C. ; Correa-Gillieron, EM . Historia em quadrinhos. Sobre a Formação da Fenda palatina. 2014. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - JogoDidático).

OLIVEIRA, D. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Caderno de Atividades Histologia e Embriologia (semestre 2). 2014. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Caderno para Ensino).

CORREA-GILLIERON, E.M ; Gomes da Silva, V. . Coleção Sistema Visual - Restauração. 2014. (Manutenção de obra artística/Restauração).

CORREA-GILLIERON, E.M ; Corrêa-Veiga, T. . Coleção Sistema Fonoarticular - Restauração. 2014. (Manutenção de obra artística/Restauração).

CORREA-GILLIERON, E.M ; Freitas-Gonçalves, B. . Coleção Biologia Celular - Clivagem (Restauração). 2014. (Manutenção de obra artística/Restauração).

CORREA-GILLIERON, E.M ; Silva-Conceição, C. ; SANTANA, C. N. ; SOEIRO, T. C. C. ; Corrêa-Veiga, T. ; MULLER, I. P. ; DUARTE, C. P. S. ; Freitas-Gonçalves, B. ; Gomes da Silva, V. ; SILVA, N. M. ; AZEVEDO, S. S. C. . Folder para Divulgação Científica na SNCT 2014. 2014. (Obra artistica didática).

CORREA-GILLIERON, E.M ; Corrêa-Veiga, T. ; Gomes da Silva, V. ; Silva-Conceição, C. ; Freitas-Gonçalves, B. . Folder para Divulgação Científica Percepção das Nossas Origens, na Semana Nacional do Cèrebro. 2014. (Obra artistica didática).

CORREA-GILLIERON, E.M ; Corrêa-Veiga, T. . Coleção Face em Desenvolvimento. 2014. (Obra artistica didática).

CORREA-GILLIERON, E.M ; Corrêa-Veiga, T. . Coleção Face em Desenvolvimento. 2014. (Obra artistica didática).

CORREA-GILLIERON, E.M ; Gomes da Silva, V. . Restauração - Peça Olho Humano. 2014. (Obra artistica didática).

CORREA-GILLIERON, E.M ; CONCEICAO, C. S. ; Freitas-Gonçalves, B. . Restauração - Coleção Implantação. 2014. (Obra artistica didática).

CORREA-GILLIERON, E.M . TRANSTORNOS DA NEUROSINALIZAÇÃO E ESTRESSE. 2013. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

CORREA-GILLIERON, E.M . O Museu 3D no âmbito Pedagógico.. 2013. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

CORREA-GILLIERON, E.M ; Hora, G. ; FREITAS-GONCALVES, B. F. ; Freitas-Gonçalves, B. . Jogo da Memória - Atividade Teórico-Pratica. 2013. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Jogo Didático).

CORREA-GILLIERON, E.M . Estudo Pratico para Neurobiologia/semestre 2. 2013. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila para Estudos Práticos).

CORREA-GILLIERON, E.M . Apostila para Aulas Práticas - Medicina/parte 1 e 2. 2013. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Estudos Práticos).

Costa, R. R. ; LIMA, C. S. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Cruzadinha do Coração (Gráfico Didático). 2013. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Gráficos Didáticos).

Madeira, Raquel A. ; MUNIZ DE BARROS, L. G. V. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Guia da Alimentação Saudável. 2013. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Texto educativo para SNCT 2013).

Costa, R. R. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Jogo didático - Quadriculado do coração. 2013. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Jogo Didático).

CORREA-GILLIERON, E.M . Apostila para Aulas Teórico-Prática/Atividades A,B/Neurobiologia. 2013. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila para Ensino).

CORREA-GILLIERON, E.M . O Coração de todos nós. 2013. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Texto educativo e de divulgação científica para SNCT2013).

CORREA-GILLIERON, E.M ; MUNIZ DE BARROS, L. G. V. . Tutorial - Criar folder no Adobe. 2013. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila para Estudos Práticos).

CORREA-GILLIERON, E.M ; LIMA, C. S. . Coleção de modelos de formação do coração. 2013. (Manutenção de obra artística/Restauração).

CORREA-GILLIERON, E.M ; Freitas-Gonçalves, B. ; Hora, G. ; LIMA, C. S. . Jogo da Memória - Atividade Teórico-Pratica. 2013. (Jogo Didático).

FREITAS-GONCALVES, B. F. ; LIMA, C. S. ; MUNIZ DE BARROS, L. G. V. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Coleção SCVE - Etapas do desenvolvimento do coração - modelos 3D restaurados. 2013. (Obra artistica didática).

CORREA-GILLIERON, E.M . A Glândula Pineal (semestre 1). 2013. (Conferencia-aula).

CORREA-GILLIERON, E.M . A Glândula Pineal (semestre 2). 2013. (Conferencia-aula).

CORREA-GILLIERON, E.M . Jogo didático - Quadriculado do coração. 2013. (Jogo Didático).

CORREA-GILLIERON, E.M . TRANSTORNOS DA NEUROSINALIZAÇÃO E ESTRESSE. 2012. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

CORREA-GILLIERON, E.M ; OLIVEIRA, D. . Caderno de Práticas e Estudos I (p/Fonoaudiologia). 2012. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Ensino Orientado).

Perse-da-Silva,Thais ; FREITAS-GONCALVES, B. F. ; Madeira, Raquel A. ; OLIVEIRA, D. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Jogo didático : O tapete do Saber. 2012. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Jogo didático).

Hora, G. ; Freitas-Gonçalves, B. ; OLIVEIRA, D. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Jogo Didático: O Dado Inteligente. 2012. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Jogo Didático).

Perse-da-Silva,Thais ; Costa, R. R. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Caderno de Estudos Orientados I (p/Neurobiologia da Fonoaudiologia). 2012. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila para Estudo).

OLIVEIRA, D. ; Madeira, Raquel A. ; Perse-da-Silva,Thais ; CORREA-GILLIERON, E.M . Texto educativo para a brincadeira - O tapete do saber. 2012. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Questões educativa para apresentação na SNCT 2012).

CORREA-GILLIERON, E.M . Apostila - Do Nervo à Integração Sináptica. 2012. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila para Estudo).

Soares,Ciro ; CORREA-GILLIERON, E.M . Coleção de fetos em 3D. 2012. (Manutenção de obra artística/Restauração).

CORREA-GILLIERON, E.M . A Glândula Pineal (semestre 1). 2012. (Conferencia-aula).

CORREA-GILLIERON, E.M . TRANSTORNOS DA NEUROSINALIZAÇÃO E ESTRESSE. 2011. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

CORREA-GILLIERON, E.M . Caderno 1 de Estudos para o Curso de Neurobiologia (Sistema Gustativo). 2011. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila para Ensino Neurobiologia).

CORREA-GILLIERON, E.M . Caderno 1 de Estudos para o Curso de Neurobiologia (Sistema Olfativo). 2011. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila para Ensino Neurobiologia).

CORREA-GILLIERON, E.M . Caderno de Estudos 2- Sistemas Sensoriais (Parte 1). 2011. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila para Ensino - Fonoaudiologia).

CORREA-GILLIERON, E.M . Caderno de Estudos 1- Sistemas Sensoriais (Parte 1). 2011. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila para Ensino - Fonoaudiologia).

CORREA-GILLIERON, E.M . Apostila - Sistemas Motores. 2011. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila para Ensino-Fonoaudiologia).

CORREA-GILLIERON, E.M . EMBRIOLOGIA E HISTOLOGIA EM FONOAUDIOLOGIA - 2ª Edição. 2011. (Editoração/Livro).

CORREA-GILLIERON, E.M . Catálogo do Museu 3D. 2011. (Editoração/Catálogo).

CORREA-GILLIERON, E.M . A Glandula Pineal (semestre 1). 2011. (Conferencia-aula).

CORREA-GILLIERON, E.M . A Glandula Pineal (semestre 2). 2011. (Conferencia-aula).

CORREA-GILLIERON, E.M ; LIMA, C. S. ; CONCEICAO, C. S. . O coração Humano e a circulções. 2011. (Obra artistica didática).

CORREA-GILLIERON, E.M . TRANSTORNOS DA NEUROSINALIZAÇÃO E ESTRESSE. 2010. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

CORREA-GILLIERON, E.M . Caderno de Estudos e Práticas - Embriologia Geral. 2010. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Ensino Orientado).

CORREA-GILLIERON, E.M . Glandula Pineal (semestre 1). 2010. (Conferencia-aula).

CORREA-GILLIERON, E.M . Caderno de Estudos - Neurobiologia - PALADAR. 2009. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila para Ensino-Fonoaudiologia).

Correa-Gillieron, EM . Apostila 1/2009 - Ciclo Estral e Embriões in vitro. 2009. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila para Ensino-EmbriologiaGeral).

CORREA-GILLIERON, E.M . Teste das Observações Emocionais Externas e Internas. 2009. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila para Estudo Práticos).

CORREA-GILLIERON, E.M . Acervo de Datação antiga. 2009. (Manutenção de obra artística/Conservação).

CORREA-GILLIERON, E.M . Museu 3D - Modelos em 3D - fetos. 2009. (Manutenção de obra artística/Restauração).

CORREA-GILLIERON, E.M . Glandula Pineal (semestre 1). 2009. (Conferencia-aula).

CORREA-GILLIERON, E.M . Projeto Museu 3D. 2009. (Conferencia-aula).

CORREA-GILLIERON, E.M . Glandula Pineal (semestre 2). 2009. (Conferencia-aula).

CORREA-GILLIERON, E.M . Caderno de Estudos e Práticas - Embriologia Geral. 2008. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - ApostilaparaEnsinodeEmbriologiaGeral).

Correa-Gillieron, EM . Mini-apostila 2008/1 - Gametas. 2008. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila para Ensino - Embriologia Geral).

CORREA-GILLIERON, E.M . Apostila - O Estudo da Embriologia. 2008. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila para Ensino-EmbriologiaGeral).

CORREA-GILLIERON, E.M . Disciplina Histologia - Olfato. 2008. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila para Ensino-Neurobiologia).

CORREA-GILLIERON, E.M . Disciplina de Histologia e Embriologia- Histogênese do tubo neural. 2008. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila para Ensino - Neurobiologia).

CORREA-GILLIERON, E.M . Apostila - A Microscopia Óptica. 2007. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila para Ensino de Microscopia Óptica a Alunos do Segundo Grau).

CORREA-GILLIERON, E.M ; Ferezin-Pinto, C. . Cadernos de Estudos e Práticas - Embriologia Geral. 2007. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila para Ensino de EmbriologiaGeral).

CORREA-GILLIERON, E.M . Apostila 1 ? Um pouco de Cultura Geral para o Curso de Embriologia Geral. 2007. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila para Ensino d eEmbriologiaGeral).

CORREA-GILLIERON, E.M . Apostila de Embriologia do Crânio. 2007. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila para Ensino - Sistemas Sensoriais).

CORREA-GILLIERON, E.M ; Ferezin-Pinto, C. . Cadernos de Estudos e Práticas - Embriologia Geral. 2006. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila para Ensino e Prática de Embriologia Geral).

CORREA-GILLIERON, E.M ; Ferezin-Pinto, C. . Caderno de Estudos e Práticas - Embriologia Geral. 2005. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila para Ensino de Embriologia-Pratica).

CORREA-GILLIERON, E.M ; Ferezin-Pinto, C. . Caderno de Estudos e Práticas - Embriologia Geral. 2004. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila para Ensino de Embriologia Geral).

CORREA-GILLIERON, E.M . A Glandula Pineal. 2004. (Conferencia-aula).

CORREA, E. M. . EMBRIOLOGIA E HISTOLOGIA FONOAUDIOLÓGICA. 2002. (Editoração/Livro).

CORREA-GILLIERON, E.M . METODOS DE INVESTIGAÇÃO EM NEUROCIÊNCIAS. 1990. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

CORREA-GILLIERON, E.M ; ALMEIDA, S. L. A. . RIM HUMANO. 2018. Escultura.

ALMEIDA, S. L. A. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Rim Humano. 2018. Escultura.

CORREA-GILLIERON, E.M ; ALMEIDA, N. C. D. . Modelos Laringe Normal e Laringe após tratamento oncológico. 2017. Escultura.

PINAGE, B. ; SOUZA, C. ; NUNES, G. ; GUEDES, M. ; NUNES, M. ; SILVA, R. O. ; CORREA-GILLIERON, E.M . A placa neuromuscular. 2016. Escultura.

SANTANA, C. N. ; SOEIRO, T. C. C. ; CORREA-GILLIERON, E.M . Quebra-Cabeça e modelo em 3D do Cérebro. 2015. Outra.

LIMA, C. S. ; Perse-da-Silva,Thais ; CORREA-GILLIERON, E.M . Coração Humano - Modelo tridimensional. 2013. Escultura.

LIMA, C. S. ; CORREA-GILLIERON, E.M . A circulação sanguínea no boneco minion. 2013. Outra.

CORREA-GILLIERON, E.M ; LIMA, C. S. ; Silva-Conceição, C. . Coleção SCVE - Etapas do desenvolvimento do coração - modelos 3D restaurados. 2013. Escultura.

CORREA-GILLIERON, E.M ; LIMA, C. S. . A cabeça frenológica. 2013. Escultura.

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora Curso:Bases Morfofuncionais dos Sistemas Sensoriais, (PCI), ICB/Fac. De Medicina/UFRJ (Semestre 1 e 2). 2015 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: PCI de Neurobiologia. 2015 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: PCI de Sistema Nervoso / Medicina. 2015 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: PCI de Sistema Endócrino e Reprodutor. 2015 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Curso: Transtornos da Neurossinalização e Estresse. 2015 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Núcleo de Extensão Museu 3D (NUEXM3D). 2015 (Coordenação - Gestora) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora Curso:Bases Morfofuncionais dos Sistemas Sensoriais, (PCI), ICB/Fac. De Medicina/UFRJ (Semestre 1 e 2). 2014 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: PCI de Neurobiologia. 2014 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: PCI de Sistema Nervoso / Medicina. 2014 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: PCI de Sistema Endócrino e Reprodutor. 2014 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Curso: Transtornos da Neurossinalização e Estresse. 2014 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Curso: Transtornos da Neurossinalização e Estresse. 2013 (Coordenadora) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: Transtornos da Neurossinalização e Estresse. 2013 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: PCI de Neurobiologia. 2013 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: PCI de Sistemas Sensoriais. 2013 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: PCI de Sistema Endócrino e Reprodutor. 2013 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: Curso de Medicina-Histologia e Embriologia Básicas. 2013 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: PCI de Sistema Nervoso / Medicina. 2013 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Núcleo de Extensão Museu 3D (NEXM3D). 2013 (Coordenação - Gestora) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora Curso:Bases Morfofuncionais dos Sistemas Sensoriais, (PCI), ICB/Fac. De Medicina/UFRJ (Semestre 1 e 2). 2013 (Coordenação) .

Correa-Gillieron, EM . Docencia: PCI de Sistema Nervoso / Medicina. 2012 (Docencia) .

Correa-Gillieron, EM . Docencia: PCI de Neurobiologia. 2012 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Curso: Transtornos da Neurosinalização e Estresse. 2012 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Representante dos Prof. Adjuntos do ICB 2012 a 2013. 2012 (Administrativa) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Chefe do Laboratorio de Neurobiologia. 2012 (Administrativa) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: Transtornos da Neurossinalização e Estresse. 2012 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora Curso:Bases Morfofuncionais dos Sistemas Sensoriais, (PCI), ICB/Fac. De Medicina/UFRJ (Semestre 1 e 2). 2012 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: PCI de Sistemas Sensoriais. 2012 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: PCI de Sistema Endócrino e Reprodutor. 2012 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docente: PCI de Neurobiologia. 2011 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Curso: Bases Morfofuncionais dos Sistemas Sensoriais, (PCI), ICB/Fac. De Medicina/UFRJ (Semestre 1 e 2). 2011 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: PCI de Sistema Sensoriais. 2011 (Docencia) .

Correa-Gillieron, EM . Chefe do Labortório de Neurobiologia. 2011 (Administrativa) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: Curso de Farmácia. 2011 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Chefe do Laboratório de Neurobiologia. 2010 (Administrativa) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Curso - PCI Sistemas Sensoriais. 2010 (Coordenadora) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Suplente no Cargo de Prof. Adjunto do ICB. 2010 (Administrativa) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Curso: Transtornos da Neurosinalização e Estresse. 2010 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docente no Curso - PCI de Sistema Nervoso / Medicina. 2010 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: Transtornos da Neurossinalização e Estresse. 2010 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: PCI de Neurobiologia. 2010 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: Bases Morfofuncionais dos Sistemas Sensoriais, (PCI), ICB/Fac. De Medicina/UFRJ (Semestre 1 e 2). 2010 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Curso - Bases Morfofuncionais dos Sistemas Sensoriais, (PCI), ICB/Fac. De Medicina/UFRJ (Semestre 1 e 2). 2009 (Coordenadora) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Disciplina/Embriologia Geral para Ciencias Biológicas. 2009 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Chefe do Laboratório de Neurobologia. 2009 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docente no Curso - PCI de Sistema Nervoso / Medicina. 2009 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: PCI de Sistema Sensoriais. 2009 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: PCI de Neurobiologia. 2009 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia:Curso de Embriologia. 2009 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Curso - Bases Morfofuncionais dos Sistemas Sensoriais, (PCI), ICB/Fac. De Medicina/UFRJ (Semestre 1 e 2). 2008 (Coordenadora) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Embriologia Geral - Ciencias Biológicas. 2008 (Coordenação) .

CORREA, E. M. . Chefe do Laboratório de Neurobiologia. 2008 (Coordenadora) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docente no Curso - PCI de Sistema Nervoso / Medicina. 2008 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docente no Curso - PCI de Neurobiologia. 2008 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Projeto de Extensão Museu 3D. 2008 (Coordenadora de Projeto desde 2008) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: PCI de Sistema Sensoriais. 2008 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: Curso de Embriologia Geral. 2008 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Chefe do Laboratório de Neurobiologia. 2007 (Administrativa) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Curso:Bases Morfofuncionais dos Sistemas Sensoriais, (PCI), ICB/Fac. De Medicina/UFRJ (Semestre 1 e 2). 2007 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Disciplina/Embriologia Geral para Ciencias Biológicas. 2007 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docente no Curso - PCI de Sistema Nervoso / Medicina. 2007 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docente no Curso - PCI de Neurobiologia. 2007 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: PCI de Sistema Sensoriais. 2007 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: Curso de Embriologia Geral. 2007 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Curso - PCI Sistemas Sensoriais. 2006 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Disciplina - Embriologia Geral / Ciencias Biológicas. 2006 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Chefe do Laboratório de Neurobiologia. 2006 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docente no Curso - PCI de Sistema Nervoso / Medicina. 2006 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docente no Curso - PCI de Neurobiologia. 2006 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: PCI de Sistema Sensoriais. 2006 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: Curso de Embriologia Geral. 2006 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Chefe do Laboratorio de Neurobiologia. 2005 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Curso - PCI de Sistemas Sensoriais. 2005 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Disciplina - Embriologia Geral / Ciencias Biológicas. 2005 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docente no Curso - PCI de Sistema Nervoso / Medicina. 2005 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: PCI de Sistema Sensoriais. 2005 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: Curso de Embriologia Geral. 2005 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Chefe do Laboratorio de Neurobiologia. 2004 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Curso - PCI de Sistemas Sensoriais / Fonoaudiologia. 2004 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Disciplina - Embriologia Geral / Ciencias Biológicas. 2004 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docente no Curso - PCI de Sistema Nervoso / Medicina. 2004 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docente no Curso - PCI de Neurobiologia. 2004 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: PCI de Sistema Sensoriais. 2004 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: Curso de Embriologia Geral. 2004 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Chefe do Laboratorio de Neurobiologia. 2003 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Curso - PCI de Sistemas Sensoriais / Fonoaudiologia. 2003 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Disciplina - Embriologia Geral / Ciencias Biológicas. 2003 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docente no Curso - PCI de Sistema Nervoso / Medicina. 2003 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: PCI de Sistema Sensoriais. 2003 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: Curso de Embriologia Geral. 2003 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Chefe do Laboratorio de Neurobiologia. 2002 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Curso - PCI de Sistemas Sensoriais / Fonoaudiologia. 2002 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Disciplina - Embriologia Geral / Ciencias Biológicas. 2002 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docente no Curso - PCI de Sistema Nervoso / Medicina. 2002 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: PCI de Sistema Sensoriais. 2002 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: Curso de Embriologia Geral. 2002 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Chefe do Laboratorio de Neurobiologia. 2001 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Curso - PCI de Sistemas Sensoriais / Fonoaudiologia. 2001 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Disciplina - Embriologia Geral / Ciencias Biológicas. 2001 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docente no Curso - PCI de Sistema Nervoso / Medicina. 2001 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: PCI de Sistema Sensoriais. 2001 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: Curso de Embriologia Geral. 2001 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Chefe do Laboratorio de Neurobioloia. 2000 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Curso - PCI de Sistemas Sensoriais. 2000 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Disciplina - Embriologia Geral / Ciencias Biológicas. 2000 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docente no Curso - PCI de Sistema Nervoso / Medicina. 2000 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: PCI de Sistema Sensoriais. 2000 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: Curso de Embriologia Geral. 2000 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Ensino de Graduação no Depto Histologia e Embriologia. 1999 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Chefe do Laboratorio de Neurobiologia. 1999 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Curso - PCI de Sistemas Sensoriais / Fonoaudiologia. 1999 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Curso - PCI de Sistema Nervoso / Medicina. 1999 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Disciplina - Embriologia Geral / Ciencias Biológicas. 1999 (Coordenadora) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: PCI de Sistema Sensoriais. 1999 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: Curso de Embriologia Geral. 1999 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Chefe do Departamento de Histologia e Embriologia. 1998 (Administrativa) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Chefe do Laboratorio de Neurobiologia. 1998 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Ensino de Graduação. 1998 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Curso - PCI de Sistemas Sensoriais / Fonoaudiologia. 1998 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Disciplina - Embriologia Geral / Ciencias Biológicas. 1998 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Chefe de Departamento - Substituto. 1998 (Administrativa) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: PCI de Sistema Sensoriais. 1998 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia:Curso de Embriologia Geral. 1998 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Ensino de Graduação. 1997 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Chefe do Laboratorio de Neurobiologia. 1997 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Curso - PCI de Sistemas Sensoriais / Fonoaudiologia. 1997 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Disciplina - Embriologia Geral / Ciencias Biológicas. 1997 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: PCI de Sistema Sensoriais. 1997 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: Curso de Embriologia Geral. 1997 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Provas no PCI-Sistema Nervoso. 1996 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Curso - PCI de Sistemas Sensoriais / Fonoaudiologia. 1996 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: PCI de Sistema Sensoriais. 1996 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora Geral do PCI-Sistema Nervoso. 1995 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Conferências no PCI de Sistema Nervoso para o curso de Medicina,. 1995 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Curso - PCI de Sistemas Sensoriais / Fonoaudiologia. 1995 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: PCI de Sistema Sensoriais. 1995 (Docencia) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Curso - PCI de Sistema Nervoso / Medicina. 1995 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Conferências - PCI de Sistema Nervoso para o curso de Medicina. 1994 (Coordenação) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Coordenadora de Curso - PCI de Sistemas Sensoriais / Fonoaudiologia. 1994 (Coordenadora) .

CORREA-GILLIERON, E.M . Docencia: PCI de Sistema Sensoriais. 1994 (Docencia) .

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2014 - Atual

    RESPOSTA INFLAMATÓRIA E FORMAÇÃO DE AGREGADOS PROTÉICOS EM RESPOSTA A UMA DOSE EXCESSIVA DE ZINCO: IMPLICAÇÕES PARA OS SISTEMAS RESPIRATÓRIOS, RENAL E NERVOSO. Fase 2, Descrição: A hiperzincemia (excesso de zinco) em correlação direta com a histopatológica, a bioquímica da inflamação, e alterações comportamentais não tinha estudos esclarecedores, e nem mesmo interesse. Em 2000-2002 desenvolvemos no Laboratório de Neurobiologia, CCS, ICB/UFRJ, vários projetos-pilotos que culminaram no desenvolvimento de um modelo animal-experimental de hiperzincemia. Este modelo serviu a várias monografias e a uma tese de mestrado defendida, onde abordamos o efeito histopatológico e comportamental do excesso de zinco (hiperzincemia) em ratas jovens. O desenvolvimento aprimorado deste modelo trouxe resultados histopatológicos significativos (amiloidose) e comportamentais (comprometimento da atividade motora) e sugeriram a presença indicativa de patologias pulmonar, cerebral e possivelmente renal. Considerando a presença de amiloidose, é de interesse estudar as proteínas envolvidas tanto na inflamação pulmonar quanto na amiloidose. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Maria Correa - Coordenador / Débora Fogel - Integrante / Estefania Pereira Cardoso Azevedo - Integrante / Bruna Freitas gonçalves - Integrante., Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 1

  • 2011 - 2013

    HETEROGENEIDADE DA GLIA PINEAL:PARTE 2: SOB CONDIÇÕES EXPERIMENTAIS ESPECIFICAS (ALTERAÇÃO NA ILUMINAÇÃO, TERAPIA DE ALTAS DOSES DE ZINCO, E OUTRAS), Descrição: O projeto tem por objetivo principal analisar a morfologia da microglia e dos astrócitos em animais normais e em animais experimentais sob condições especiais :iluminação ininterrupta ou escuro permanente, e sob terapia de altas doses de zinco. É ainda objetivo a avaliação quantitativa destas células, sob as condições acima explicitadas, visando determinar se o número e a morfologia da glia pineal são afetadas pelas condições experimentais impostas. Quantificar os resultados com métodos estereológicos.(Sigma 20281). , Situação: Desativado; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Elenice Maria Correa - Coordenador / Ingrid Cardoso Coutinho - Integrante., Número de orientações: 1

  • 2011 - Atual

    FISIOPATOLOGIA DE DOENÇA PULMONAR GERADA PELO EXCESSO DE ZINCO (HIPERZINCEMIA) EM RATAS ADULTAS JOVENS, Descrição: O projeto usando modelo de hiperzincemia desenvolvido no Laboratório trouxe resultados histopatológicos que envolveram patologia pulmonar. Embasado nestes, é objetivo avaliar os pulmões alterados sob o ponto de vista funcional, farmacológico, bioquímico e molecular. Nestes aspectos se faz necessário a análise da mecânica respiratória, a caracterização das fibras elásticas, colágenas e proteoglicanos envolvidos. As metas futuras são transportamos os conhecimentos adquiridos para o ser humano, visando entender o papel do excesso de zinco no quadro histopatológico pulmonar. Com os resultados do projeto objetiva-se : colher informações sobre as alterações funcionais dos pulmões diante do quadro de hiperzincemia , testar no futuro o impacto de novas drogas bloqueando ou interferindo no processo inflamatório, e, possível reparo das lesões.(Sigma 20280). , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) . , Integrantes: Elenice Maria Correa - Coordenador / Sonia Oliveira - Integrante / Vera Antunes Chagas - Integrante / Lueni Lopes Félix Xavier - Integrante., Financiador(es): Universidade Federal do Rio de Janeiro - Cooperação., Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 1

  • 2011 - Atual

    O PAPEL DO EXCESSO DE ZINCO NO SISTEMA AUDITIVO. I - AS CONEXINAS ENVOLVIDAS. II - AS RELAÇÕES COM A PERDA AUDITIVA.III - RELAÇÃO COM O SOM INDUZIDO, Descrição: Considerando o aumento da população de idosos, e mesmo em função das condições atuais de estresse,má nutrição, entre outros, que potencializam os distúrbios metabólicos e diversas patologias, devemos destacar as perdas auditivas. Há estudos que enfatizam a relação entre zinco e o funcionamento do sistema auditivo, inclusive mostrando alterações dos níveis séricos de zinco associados às perdas auditivas neurossensoriais.Em geral os estudos neste sentido se concentração nas condição de deficiência de zinco (hipozincemia) no entanto,nenhum estudo considerou a situação inversa, um excesso de zinco (hiperzincemia) e seus efeitos no sistema auditivo, como é o objetivo deste trabalho. Para esta situação de excesso de zinco será utilizado o modelo de hiperzincemia (MHZn) para ratas jovens, já desenvolvido em nosso laboratório, e o qual fez uso de uma terapia de altas doses (TAD) de zinco, por nós desenvolvida, e capaz de produzir alterações de comportamento e metabólicas nos animais testados. Este MHZn será utilizado para verificar se diante de uma alteração provocada na homeostasia do zinco pela TAD, ocorre algum efeito danoso no sistema auditivo e provoque alterações patológicas (perda auditiva induzida, alterações nas conexinas, presença de amiloidose).. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Especialização: (1) . , Integrantes: Elenice Maria Correa - Coordenador / Talita de Souza da Silva - Integrante / Caroline Castro Masseron - Integrante / David Oliveira - Integrante / Fernanda Ribeiro - Integrante., Número de orientações: 2

  • 2010 - Atual

    CATEGORIZAÇÃO MORFOLÓGICA E FUNCIONAL DE SINAPSES EM ROEDORES NORMAIS OU SUBMETIDOS A TERAPIA DE ALTAS DOSES DE ZINCO .I) A EXPRESSÃO DE CONEXINAS . Ia) NA GLANDULA PINEAL; Ib)NO SISTEMA NERVOSO; Ic)EM OUTROS SISTEMAS ORGANICOS ACOMETIDOS., Descrição: O projeto estuda aspectos morfofisiol[ogicos das sinapses. Avalia-se a expressão de conexinas na glândula pineal e em outros sistemas organicos em animais normais (adultos e em desenvolvimento) e submetidos a terapia de altas dose de zinco (O modelo de hiperzincemia desenvolvido no laboratório de neurobiologia/ICB,UFRJ, sob orientação da Dr.Elenice M.Correa).(Sigma 20273). , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Elenice Maria Correa - Coordenador.

  • 2009 - Atual

    MUSEU 3D COMO PESQUISA (No âmbito da Pesquisa Científica), Descrição: O MUSEU 3D além de manter, criar e expandir os modelos tridimensionais do acervo de peças do ICB_UFRJ, este projeto é um espaço de pesquisa. Neste aspecto o projeto pretende desenvolver estudos tecnicos para a confecção de modelos em 3D que atendam a portadores de necessidades especiais no que diz respeito ao aprendizado de Ciencias Biomédicas. este preojeto interdisciplinar conta com a participação da Escola de Belas Artes- Setores de Escultura e Pinturas, e alunos de graduação e do ensino medio da UFRJ. Pórem, pretende a inclusão de alunos portadores de necessidades especiais, que trarão as suas proprias dificuldades para aprimorar a pesquisa realizada no projeto. O projeto é um campo de aprendizado a alunos e professores, um campo para o desenvolvimento de novas tecnicas de ensino, e de novos Técnicos no ensino, e para a confecção de Teses e Monografias que envolvam ensino e artes, para a criação de cursos no assunto, e ainda,para a criação de modelos 3D que possam ser disponibilizados ao público. (Sigma 17804)(Sigma 19067). , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (1) . , Integrantes: Elenice Maria Correa - Coordenador / Helio dos Santos Dutra - Integrante / Nivaldo Rodrigues Carneiro - Integrante / Maria do Carmo Ciavaglia - Integrante / Pricila Piantanida - Integrante / David Oliveira - Integrante., Número de produções C, T & A: 19 / Número de orientações: 3

  • 2009 - Atual

    ESTUDO USANDO MODELO DE HIPERZINCEMIA EM RATAS ADULTAS JOVENS COM AUXILIO DA MICROFLUORESCÊNCIA DE RAIOS X, Descrição: O mapeamento do zinco e suas concentrações, através da microfluorescência de raios X, tanto em roedores do modelo de hiperzincemia desenvolvido, em comparação com roedores normais objetiva uma significativa contribuição ao conhecimento do metabolismo do Zn, inclusive sobre as concentrações capazes de gerar alterações comportamentais e histopatológicas. Não havendo, inclusive, relatos sobre os picos de Zn avaliados por técnica de microanalise de raio-X na glândula pineal. A quantificação, do zinco pela técnica em questão contribui para avaliação do papel deste metal no sistema nervoso central, e especialmente, para o conhecimento do papel fisiológico e farmacológico do zinco na pineal, e em condição de amiloidose.Os animais são testados em labirinto de campo aberto para avaliação do comportamento.(sigma 13302). , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Elenice Maria Correa - Coordenador / Caroline Ferezin Pinto - Integrante / Renata de Faria barbosa Serpa - Integrante., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 2009 - Atual

    A RESPOSTA INFLAMATÓRIA E FORMAÇÃO DE AGREGADOS PROTÉICOS EM RESPOSTA UMA DOSE EXCESSIVA DE ZINCO: IMPLICAÇÕES PARA OS SISTEMAS RESPIRATÓRIOS, RENAL E NERVOSO., Descrição: O projeto objetiva o estudo da bioquímica da inflamação em relação com a hiperzincemia (excesso de zinco) e com a histopatologia (amilóide)relacionada. O projeto usou o modelo experimental de hiperzincemia desenvolvido em nosso Lab. de Neurobiologia/ICB/UFRJ. O projeto objetiva a identificação dos elementos bioquímicos envolvidos na resposta inflamatória e na amiloidose observada. Estes resultados trarão inúmeros esclarecimentos para diversos estudos nas áreas de doenças oncológicas, neurodegenerativas e inflamatórias nos sistemas estudados. Justifica-se identificar com o estudo as proteínas envolvidas na resposta inflamatória diante do quadro de distúrbios homeostáticos gerados pelo excesso de zinco administrado. Os resultados interessam a tecnologia de alimentos, a medicina esportiva, a geriatria, e a medicina de doenças inflamatórias e cancerígenas. A inovação da proposta se caracteriza pela inexistência deste tipo de estudo neste modelo de hiperzincemia, que apresentou alterações histopatológicas, homeostáticas, e comportamentais diante do excesso de zinco administrado. Diante dos resultados obtidos, a pesquisa de fármacos e tratamentos poderão ser vislumbradas. (O projeto foi selecionado pelo Edital Biominas-Roche 2008) (Sigma 17803. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Elenice Maria Correa - Coordenador / Débora Fogel - Integrante / Gabriela R. Dellamarque - Integrante / Thais Perse da Silva - Integrante / Raquel Alves Madeira - Integrante / Estefania Pereira Cardoso Azevedo - Integrante., Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 1

  • 2009 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE UM MODELO DE HIPERZINCEMIA EM VERTEBRADOS. Parte II, Descrição: O Projeto consta dos seguintes núcleos I)Estudos no desenvolvimento, no comportamento e no metabolismo/bioquímica ; II)Relações Histopatológicas/doenças; III)Amiloidose.Análise Histopatológica e comportamental. Os estudos dão continuidade a analises feitas desde 2000 para a criação de um modelo de hiperzincemia (concentrações farmacológicas do metal zinco capazes de gerar efeitos patológicos sem serem doses letais). (sigma 7518). , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Elenice Maria Correa - Coordenador / Caroline Ferezin Pinto - Integrante., Número de orientações: 2

  • 2008 - 2012

    RESPOSTA INFLAMATORIA E FORMAÇÃO DE AGREGADOS PROTEICOS EM DOSE EXCESSIVA DE ZINCO:IMPLICAÇÕES PARA OS SISTEMAS RESPIRATÓRIO, RENAL E NERVOSO, Descrição: O processo inflamatório é uma resposta natural do organismo vivo homeotérmico devida a agressões em tecidos e células. A inflamação pode ser uma resposta, que faz parte do sistema imune-inato (resposta inespecífica deflagrada contra padrões de agressão geneticamente definidos pelo organismo) ou ser uma imunidade adquirida (onde o sistema inume identifica um agente agressor específico e responde de acordo com o potencial antigênico deste). A resposta inflamatória é seguida do aumento da vascularização e da produção de mediadores inflamatórios. O estresse oxidativo pode estar relacionado a processos inflamatórios locais. Devido a diminuição das defesas anti-oxidantes e/ou o aumento da produção de espécies reativas do oxigênio (ROS) e de radicais livres (RL), o estresse oxidativo inicia uma cascata de eventos que levam degenerações celulares, como por exemplo a neurodegeneração. Porém, a produção de RL pode ser uma conseqüência de processos degenerativos (e/ou do desequilíbrio metabólico) de outra causa, mais do que ser a causa principal da degeneração. Recentemente, tem sido sugerido o envolvimento do zinco na regulação do estresse oxidativo e em particular , em associação com o sistema antioxidativo da glutationa ? GSH. Muito embora seja bem conhecido o importante papel que o zinco desempenha no organismo, o seu efeito antioxidante,por exemplo, pode ser desconsiderado quando há altos níveis de zinco, uma condição não-fisiológica e que pode acontecer em situações patológicas. O interesse no papel do zinco no organismo teve ainda uma grande transformação diante das recentes associações entre este metal e a tumorogênese. No modelo de hiperzincemia desenvolvido em ratos (Correa-Gillieron, EM), e que será utilizado no presente projeto, o excesso de zinco levou ao aparecimento no parênquima de alguns órgãos de agregados protéicos característicos de uma amiloidose sistêmica, e a áreas com intenso processo inflamatório, além de a alterações comportamentais visíveis nos animais. Para as conclusões terapêuticas a respeito dos possíveis parâmetros associados a estes dados histopatológicos, e conseqüentemente, ao papel do excesso de zinco nos tecidos, se faz necessário a identificação de proteínas relacionadas ao processo inflamatório em curso e aos agregados amilóides. Não há na literatura dados claros sobre este assunto e em relação a citotoxicidade do excesso de zinco, pois não havia até o presente, um modelo de hiperzincemia estabelecido e capaz de gerar tais respostas. No entanto, os danos de um excesso de zinco é de interesse para a saúde pública em geral (medicina esportiva, nutrição, doenças inflamatórias, etc).O estudo proposto objetiva a caracterização de proteínas envolvidas em intoxicação por metais pesados, em especial , o zinco. Os resultados interessam a tecnologia de alimentos, a medicina esportiva, a geriatria, e a medicina de doenças inflamatórias e cancerígenas.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Elenice Maria Correa - Coordenador / David Oliveira - Integrante., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 4

  • 2008 - Atual

    ORGANIZAÇÃO E CATEGORIZAÇÃO MORFOLÓGICA DAS SINAPSES ( E A EXPRESSÃO DE CONEXINAS) E SEUS CONSTITUINTES NA PINEAL EM DESENVOLVIMENTO, Descrição: O projeto estuda aspectos morfológicos da sinaptogênese (o grau de maturidade das sinapses pineais, a variabilidade morfológica destas sinapses e das vesículas sinápticas encontradas em diversos estágios do desenvolvimento, e ainda em relação a variações sexuais e comportamentais/aprendizagem. Serão ainda avaliados aspectos temporais, como a época de aparecimento das primeiras sinapses. São utilizados animais normais e aqueles do modelo animal de hiperzincemia desenvolvido no nosso laboratório(Sigma 3527). , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Elenice Maria Correa - Coordenador.

  • 2008 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE UM MODELO DE HIPERZINCEMIA EM VERTEBRADOS, Descrição: O Projeto consta dos seguintes núcleos I)Estudos no desenvolvimento, no comportamento e no metabolismo/bioquímica ; II)Relações Histopatológicas/doenças; III)Amiloidose.Análise Histopatológica e comportamental. Os estudos dão continuidade a analises feitas desde 2000 para a criação de um modelo de hiperzincemia (concentrações farmacológicas do metal zinco capazes de gerar efeitos patológicos sem serem doses letais). (sigma 7518). , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (6) . , Integrantes: Elenice Maria Correa - Coordenador / Caroline Ferezin Pinto - Integrante / Eduardo Azzan - Integrante / Thiago Rocha da Silva - Integrante / Anaelli Aparecida Nogueira Campos - Integrante / Nuria Silva Sales - Integrante., Número de produções C, T & A: 10 / Número de orientações: 6

  • 2007 - Atual

    A GLANDULA PINEAL - TUMOROGÊNESE E NEOPLASIAS METASTÁTICAS . PARTE 1: CORRELAÇÃO COM A MELATONINA;PARTE 2: CORRELAÇÕES COM A EXPRESSÃO DE CONEXINAS; PARTE 3: CORRELAÇÕES COM A DEPOSIÇÃO DE PROTEÍNA AMILÓIDE;, Descrição: Entre os projetos de investigação na glândula neuroendócrina pineal que estão sendo realizados no laboratório, destaca-se o importante fato da existência de metástases na pineal em certos tipos de câncer. O envolvimento da pineal com a oncobiologia implica principalmente em seu produto de secreção, a melatonina, entre outras secreções pineais. Em linhas gerais o projeto subdivide-se em partes distintas: Parte 1: Correlações com a melatonina:; Parte 2: Correlações com a expressão de conexinas em metastases na pineal e em tumores de pineal; Parte 3: Correlações com a deposição de amilóides. Todas as etapas mencionadas considerarão ainda o modelo animal de hiperzincemia desenvolvido em projeto anterior do laboratório, o qual buscou avaliar o efeito neurotóxico de uma dose excessiva de zinco administrada (Sigma 9022). , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (1) . , Integrantes: Elenice Maria Correa - Coordenador / Caroline Ferezin Pinto - Integrante / Nuria Silva Sales - Integrante / Sonia Oliveira - Integrante / Vera Antunes Chagas - Integrante / Lueni Lopes Félix Xavier - Integrante.

  • 2007 - Atual

    ESTUDO DA SECREÇÃO DA MELATONINA E SUA RELAÇÃO COM A SINAPTOGÊNESE. I) ASPECTOS MORFOLÓGICOS,BIOQUÍMICOS E FARMACOLÓGICOS. II) RELAÇÃO COM A METODOLOGIA FORENSE, Descrição: Estudar aspectos relacionados a melatonina e outros produtos de secreção da pineal em animais normais e em animais submetidos a condições especiais (estresse oxidativo, etc). Correlacionar os dados com a formação de sinapses, com as possiveis alterações nas densidades sinápticas e com modelos de hiperzincemia.(sigma 13306). , Situação: Desativado; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Elenice Maria Correa - Coordenador / Ana Paula da Silva - Integrante / Thiago Rocha da Silva - Integrante.

  • 2007 - Atual

    A GLANDULA PINEAL E SUAS NEUROSECREÇÕES. I) CORRELAÇÃO COM FITOTERÁPICOS; II) RELAÇÃO COM A METODOLOGIA FORENSE, Descrição: O projeto busca quantificar a produção de melatonina e outros em animais normais. Posteriormente serão feitas analises comparativas em presença de fitoterápicos específicos. O campo de estudo esta sendo ampliado para aplicabilidade forense dos achados.(Sig,a 13308). , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Elenice Maria Correa - Coordenador / Caroline Ferezin Pinto - Integrante., Número de produções C, T & A: 1

  • 2004 - 2008

    MORFOMETRIA NA PINEAL: (A) ENFOQUE EM CÉLULAS E SINAPSES; (B) ASPECTOS DIANTE DE SITUAÇÕES LIMITES (ESCURO OU CLARO CONSTANTES); (C) ? DESNUTRIÇÃO..(D) ASPECTOS MORFOLÓGICOS E MORFOMÉTRICOS DAS CÉLULAS GLICOGÊNIO POSITIVAS NA PINEAL DE RATOS EM DESENVOLV, Descrição: O projeto avalia aspectos quantitativos da sinaptogênese e aspectos morfométricos, como a variação ou não no número e diâmetro das sinapses ao longo do desenvolvimento e no adulto. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Elenice Maria Correa - Coordenador / Roberta Sá Longo - Integrante / Ana Paula da Silva - Integrante / Bianca Ferreira Gomes - Integrante.

  • 2003 - Atual

    ESTUDO DA AÇÃO DE METAIS PESADOS NO SISTEMA NERVOSO: PARTE 1: ANALISE COMPORTAMENTAL; PARTE 2: ANALISES BIOQUÍMICAS E CLÍNICAS, Descrição: O projeto deu sequencia a anterior onde foram testadas diferentes doses de zinco, e , elaborou-see uma Dose padrão para ser usada em Terapia de Altas Doses. Foi desenvolvido um modelo experimental de hiperzincemia que envolveu o aparecimento de amiloidose sistemica e alterações expressivas do comportamento (atividade motora, etc).Objetiva-se avaliar o papel dos transportadores de zinco na hiperzincemia.(sIGMA 3692). , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Especialização: (2) . , Integrantes: Elenice Maria Correa - Coordenador / Caroline Ferezin Pinto - Integrante / Eduardo Azzan - Integrante / Clara Oliveira Esteves - Integrante / Thiago Rocha da Silva - Integrante / Anaelli Aparecida Nogueira Campos - Integrante / Nuria Silva Sales - Integrante / Fabio Gonçalves Guedes - Integrante / Evelyn Mendes Walchan - Integrante., Financiador(es): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Auxílio financeiro / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa., Número de produções C, T & A: 12 / Número de orientações: 2

  • 2003 - Atual

    OBSERVAÇÃO DA GLÂNDULA PINEAL ATRAVÉS DA MICROSCOPIA DE VARREDURA, Descrição: O objetivo do projeto é a observação da estrutura tri-dimensional do parênquima pineal, dando ênfase aos prolongamentos celulares e suas interações com as células e vasos sanguíneos. (sigma 3544). , Situação: Desativado; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Elenice Maria Correa - Coordenador.

  • 2000 - Atual

    CITOARQUITETURA E MATRIZ EXTRACELULAR DA GLÂNDULA PINEAL. (A) -MICROSCOPIA ÓPTICA. (B) MICROSCOPIA ELETRÔNICA. ( C)ESTUDO DAS LECTINAS., Descrição: O projeto estuda a matriz extracelular da glândula na pineal do rato com ênfase na presença de vários componentes associados a célula (distribuição de glicosaminoglicanos, e de condroitin sulfato, a localização de glicogênio, de resíduos carboidráticos específicos, a presença e distribuição de fibras do conjuntivo, etc) com o auxílio de técnicas histoquímicas específicas e imunocitoquimicas. É ainda importante avaliar pela microscopia eletrônica de transmissão (MET) a localização precisa dos componentes no animal normal e no modelo de hiperzincemia desenvolvido no Laboratório desde 2000. São avaliados ainda os parâmetros estereológicos na pineal de adultos e em animais em desenvolvimento. (sigma 7681). , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (8) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Elenice Maria Correa - Coordenador / Mildred Ferreira Medeiros - Integrante / Caroline Ferezin Pinto - Integrante / Roberta Sá Longo - Integrante / Juliana Sá Araujo - Integrante / Ana Paula da Silva - Integrante / Claudia Santos Silva - Integrante / Ana Christina Gomes Guilherme - Integrante / Sonia Oliveira - Integrante / Bruna Freitas Gonçalves - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 17 / Número de orientações: 3

  • 1999 - 2002

    HETEROGENEIDADE DA GLIA PINEAL:PARTE 1: MICROGLIÓCITOS E ASTRÓCITOS, Descrição: Identificar morfologicamente a glia da glandula pineal usando marcadores especificos. Quantificar com métodos estereológicos.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Elenice Maria Correa - Coordenador / Leny A.Cavalcante - Integrante / Ingrid Cardoso Coutinho - Integrante / Catarina da Fonseca Lira - Integrante., Número de produções C, T & A: 4

  • 1999 - 2002

    ESTUDO DAS AÇÕES TOXICOLÓGICAS DE METAIS PESADOS 1-Amiloidose; II- Enfoque na pineal e sistema nervoso central., Descrição: O projeto tem como objetivo estudar as ações do zinco na glândula pineal (e hipocampo) de ratos adultos e em diferentes fases do desenvolvimento. Os estudos objetiva desenvolver doses hiperzincemiantes (concentrações farmacológicas do metal zinco capazes de gerar efeitos patológicos sem serem doses letais). As doses foram testadas por diferentes vias de administração e idades/sexo de animal.(sIGMA 20284). , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (1) . , Integrantes: Elenice Maria Correa - Coordenador / Catarina da Fonseca Lira - Integrante / Maria Alexandra P.L. Gonçalves - Integrante., Financiador(es): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Bolsa / Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 8 / Número de orientações: 2

  • 1999 - 2002

    ANÁLISES IMUNOCITOQUÍMICAS DA GLANDULA PINEAL EM CULTURAS, Descrição: O projeto objetiva desenvolver um modelo de cultura de células pineais que caberá a vários propósitos as pesquisas do laboratório. O uso de animais para pesquisa em laboratório vem sendo questionado a algum tempo e é realmente uma preocupação para todos. Na tentativa de minimizar esta utilização, no que diz respeito a algumas de nossas experiências com a glândula pineal, estamos desenvolvendo culturas de células pineais para que sejam utilizadas em várias experimentos do laboratório.Neste contexto foram estudados os astrocitos da pineal em desenvolvimento e adultas.Sigma 20282. , Situação: Desativado; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Elenice Maria Correa - Coordenador / Ingrid Cardoso Coutinho - Integrante / Morgana Castelo Branco - Integrante / Leny Alves Cavalcante - Integrante., Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 1

  • 1998 - 2002

    ESTUDO DAS PROJEÇÕES AFERENTES E EFERENTES DA GLÂNDULA PINEAL DURANTE O DESENVOLVIMENTO, Descrição: O projeto visa esclarecer a distribuição das fibras nervosas que se relacionam com a glândula pineal através de marcação retrógrada ou anterógrada por traçador específico, bem como delimitar mais claramente a época de aparecimento destas projeções e o seu destino.Sigma 3528. , Situação: Desativado; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) . , Integrantes: Elenice Maria Correa - Coordenador / Mario Ary Pires - Integrante / Ricardo Pires Neto - Integrante / Melissa de Souza Gama - Integrante / Fabiano Bonatto - Integrante / Marcelo S.Rezende - Integrante., Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 4

  • 1996 - Atual

    ESTUDO DOS RECEPTORES MUSCARÍNICOS NA GLÂNDULA PINEAL DURANTE A SINAPTOGÊNESE, Descrição: O projeto analisa a presença e os tipos de receptores muscarínicos na pineal de ratos normais adultos e em desenvolvimento. Com os resultados, poderemos construir um mapa cronológico da expressão dos mRNAs para estes receptores. Este mapa poderá ser utilizado para análises comparativas em diversas etapas importantes do desenvolvimento da pineal do rato, tais como períodos de neurogênese e sinaptogênese, época de mielinização, época de morte celular ou de eliminação de sinapses, etc, e em especial, com as variações no número, tamanho e morfologia das SFs. Os resultados auxiliarão ainda a definição da relação mecanismos colinérgicos e a ritmicidade circadiana. Definidos os parâmetros básicos no animal normal, será possível verificar as variações prováveis em animais submetidos à condições estressantes (enucleados ao nascer ou cegos de nascença, em mutantes genéticos (sem pineal) e em animais criados sob condições especiais ambiente enriquecido x isolamento.(Sigma 3533). , Situação: Desativado; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Elenice Maria Correa - Coordenador / Fabio L Custódio - Integrante., Financiador(es): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 1

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de desenvolvimento

  • 2014 - Atual

    IMPLEMENTAÇÃO DE METODOLOGIA DE ENSINO: CONSTRUÇÃO DE CONHECIMENTO COLETIVO USANDO A MODELAGEM TRIDIMENSIONAL, Descrição: O projeto Museu 3D foi idealizado para atender a princípios o que se refere a inter-relação entre pesquisa, ensino e aprendizado. Sua meta fundamental foi promover a integração entre o ambiente acadêmico, e os vários setores da sociedade, no que se refere ao ensino e a cultura. Para tal o projeto partiu de um princípio bem antigo, mas que usado por anos levou ao desenvolvimento das ciências em geral. Este principio é o da modelagem tridimensional de estruturas reais.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) . , Integrantes: Elenice Maria Correa - Coordenador / Camila da Silva Conceição - Integrante., Número de orientações: 1

  • 2013 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE JOGOS EM AMBIENTES VIRTUAIS: IMPLEM DE MET.DE ENSINO INTERATIVA, Descrição: O Projeto "Desenvolvimento de Jogos em Ambientes Virtuais: Implementação de Metodologia de Ensino Interativa com Construção de Conhecimento Coletivo" Resumo: De uma forma muito freqüente tendemos a fragmentar o conteúdo apresentado em sala de aula de uma forma pontual e focal com o objetivo de facilitar sua compreensão. Esse método de ensino faz com que os alunos se confrontem com uma série de fundamentos e conceitos, que acabam sendo decorados, sem que percebam os mecanismos integrativos que envolvem todos os processos que lhes foram apresentados de forma isolada. Diante de um mundo em constante movimento, da complexidade que caracteriza o real e da revolução na área das Ciências da Vida, é imprescindível que os alunos sejam capazes de transpor o conhecimento adquirido em sala de aula para situações integrativas e práticas. É possível encontrar na internet diferentes materiais de animação ilustrando conceitos abordados em aulas de Embriologia. No entanto, nenhum deles ilustra de forma integrada o desenvolvimento embrionário, colocando-o em uma perspectiva multidisciplinar explorando, simultaneamente, os aspectos histológicos e celulares envolvido na formação de estruturas embrionárias. Desta forma, propomos um projeto inovador no qual buscaremos contemplar o aspecto multidisciplinar do desenvolvimento embrionário, gerando uma ferramenta de estudo para alunos da graduação que estejam cursando as disciplinas de Embriologia, Biologia Celular e Histologia. Propomos uma ferramenta de estudo utilizando as tecnologias de realidade virtual em um ambiente de jogo, onde os alunos serão expostos à dinâmica da gênese de um tecido biológico e suas características estruturais que irão determinar sua função dentro do organismo. Esta estratégia será desenvolvida através de uma colaboração entre os professores dos Programas de Graduação do Instituto de Ciências Biomédicas (UFRJ), do Laboratório de Pesquisa em Tecnologias da Informação e Comunicação (UFRJ) e a Profa. Victoria Brant. Este material será de domínio público, de forma que poderá atender alunos de diferentes instituições brasileiras e mundiais, ressaltando, desta forma, a excelência de ensino para graduação encontrada no Rio de Janeiro.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Maria Correa - Integrante / Helio dos Santos Dutra - Integrante / Jose Garcia Abreu - Coordenador / Katia Carneiro de Paula - Integrante / Victoria Brandt - Integrante / Valerio Coelho - Integrante / Marcia Cury - Integrante / Jose Marques Brito - Integrante / Maria Isabel doria Rossi - Integrante., Financiador(es): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Auxílio financeiro.

  • 2014 - Atual

    IMPLEMENTAÇÃO DE METODOLOGIA DE ENSINO: CONSTRUÇÃO DE CONHECIMENTO COLETIVO USANDO A MODELAGEM TRIDIMENSIONAL, Descrição: O projeto Museu 3D foi idealizado para atender a princípios o que se refere a inter-relação entre pesquisa, ensino e aprendizado. Sua meta fundamental foi promover a integração entre o ambiente acadêmico, e os vários setores da sociedade, no que se refere ao ensino e a cultura. Para tal o projeto partiu de um princípio bem antigo, mas que usado por anos levou ao desenvolvimento das ciências em geral. Este principio é o da modelagem tridimensional de estruturas reais.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) . , Integrantes: Elenice Maria Correa - Coordenador / Camila da Silva Conceição - Integrante., Número de orientações: 1

  • 2013 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE JOGOS EM AMBIENTES VIRTUAIS: IMPLEM DE MET.DE ENSINO INTERATIVA, Descrição: O Projeto "Desenvolvimento de Jogos em Ambientes Virtuais: Implementação de Metodologia de Ensino Interativa com Construção de Conhecimento Coletivo" Resumo: De uma forma muito freqüente tendemos a fragmentar o conteúdo apresentado em sala de aula de uma forma pontual e focal com o objetivo de facilitar sua compreensão. Esse método de ensino faz com que os alunos se confrontem com uma série de fundamentos e conceitos, que acabam sendo decorados, sem que percebam os mecanismos integrativos que envolvem todos os processos que lhes foram apresentados de forma isolada. Diante de um mundo em constante movimento, da complexidade que caracteriza o real e da revolução na área das Ciências da Vida, é imprescindível que os alunos sejam capazes de transpor o conhecimento adquirido em sala de aula para situações integrativas e práticas. É possível encontrar na internet diferentes materiais de animação ilustrando conceitos abordados em aulas de Embriologia. No entanto, nenhum deles ilustra de forma integrada o desenvolvimento embrionário, colocando-o em uma perspectiva multidisciplinar explorando, simultaneamente, os aspectos histológicos e celulares envolvido na formação de estruturas embrionárias. Desta forma, propomos um projeto inovador no qual buscaremos contemplar o aspecto multidisciplinar do desenvolvimento embrionário, gerando uma ferramenta de estudo para alunos da graduação que estejam cursando as disciplinas de Embriologia, Biologia Celular e Histologia. Propomos uma ferramenta de estudo utilizando as tecnologias de realidade virtual em um ambiente de jogo, onde os alunos serão expostos à dinâmica da gênese de um tecido biológico e suas características estruturais que irão determinar sua função dentro do organismo. Esta estratégia será desenvolvida através de uma colaboração entre os professores dos Programas de Graduação do Instituto de Ciências Biomédicas (UFRJ), do Laboratório de Pesquisa em Tecnologias da Informação e Comunicação (UFRJ) e a Profa. Victoria Brant. Este material será de domínio público, de forma que poderá atender alunos de diferentes instituições brasileiras e mundiais, ressaltando, desta forma, a excelência de ensino para graduação encontrada no Rio de Janeiro.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Maria Correa - Integrante / Helio dos Santos Dutra - Integrante / Jose Garcia Abreu - Coordenador / Katia Carneiro de Paula - Integrante / Victoria Brandt - Integrante / Valerio Coelho - Integrante / Marcia Cury - Integrante / Jose Marques Brito - Integrante / Maria Isabel doria Rossi - Integrante., Financiador(es): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Auxílio financeiro.

  • 2014 - Atual

    IMPLEMENTAÇÃO DE METODOLOGIA DE ENSINO: CONSTRUÇÃO DE CONHECIMENTO COLETIVO USANDO A MODELAGEM TRIDIMENSIONAL, Descrição: O projeto Museu 3D foi idealizado para atender a princípios o que se refere a inter-relação entre pesquisa, ensino e aprendizado. Sua meta fundamental foi promover a integração entre o ambiente acadêmico, e os vários setores da sociedade, no que se refere ao ensino e a cultura. Para tal o projeto partiu de um princípio bem antigo, mas que usado por anos levou ao desenvolvimento das ciências em geral. Este principio é o da modelagem tridimensional de estruturas reais.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) . , Integrantes: Elenice Maria Correa - Coordenador / Camila da Silva Conceição - Integrante., Número de orientações: 1

  • 2013 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE JOGOS EM AMBIENTES VIRTUAIS: IMPLEM DE MET.DE ENSINO INTERATIVA, Descrição: O Projeto "Desenvolvimento de Jogos em Ambientes Virtuais: Implementação de Metodologia de Ensino Interativa com Construção de Conhecimento Coletivo" Resumo: De uma forma muito freqüente tendemos a fragmentar o conteúdo apresentado em sala de aula de uma forma pontual e focal com o objetivo de facilitar sua compreensão. Esse método de ensino faz com que os alunos se confrontem com uma série de fundamentos e conceitos, que acabam sendo decorados, sem que percebam os mecanismos integrativos que envolvem todos os processos que lhes foram apresentados de forma isolada. Diante de um mundo em constante movimento, da complexidade que caracteriza o real e da revolução na área das Ciências da Vida, é imprescindível que os alunos sejam capazes de transpor o conhecimento adquirido em sala de aula para situações integrativas e práticas. É possível encontrar na internet diferentes materiais de animação ilustrando conceitos abordados em aulas de Embriologia. No entanto, nenhum deles ilustra de forma integrada o desenvolvimento embrionário, colocando-o em uma perspectiva multidisciplinar explorando, simultaneamente, os aspectos histológicos e celulares envolvido na formação de estruturas embrionárias. Desta forma, propomos um projeto inovador no qual buscaremos contemplar o aspecto multidisciplinar do desenvolvimento embrionário, gerando uma ferramenta de estudo para alunos da graduação que estejam cursando as disciplinas de Embriologia, Biologia Celular e Histologia. Propomos uma ferramenta de estudo utilizando as tecnologias de realidade virtual em um ambiente de jogo, onde os alunos serão expostos à dinâmica da gênese de um tecido biológico e suas características estruturais que irão determinar sua função dentro do organismo. Esta estratégia será desenvolvida através de uma colaboração entre os professores dos Programas de Graduação do Instituto de Ciências Biomédicas (UFRJ), do Laboratório de Pesquisa em Tecnologias da Informação e Comunicação (UFRJ) e a Profa. Victoria Brant. Este material será de domínio público, de forma que poderá atender alunos de diferentes instituições brasileiras e mundiais, ressaltando, desta forma, a excelência de ensino para graduação encontrada no Rio de Janeiro.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Maria Correa - Integrante / Helio dos Santos Dutra - Integrante / Jose Garcia Abreu - Coordenador / Katia Carneiro de Paula - Integrante / Victoria Brandt - Integrante / Valerio Coelho - Integrante / Marcia Cury - Integrante / Jose Marques Brito - Integrante / Maria Isabel doria Rossi - Integrante., Financiador(es): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Auxílio financeiro.

  • 2014 - Atual

    IMPLEMENTAÇÃO DE METODOLOGIA DE ENSINO: CONSTRUÇÃO DE CONHECIMENTO COLETIVO USANDO A MODELAGEM TRIDIMENSIONAL, Descrição: O projeto Museu 3D foi idealizado para atender a princípios o que se refere a inter-relação entre pesquisa, ensino e aprendizado. Sua meta fundamental foi promover a integração entre o ambiente acadêmico, e os vários setores da sociedade, no que se refere ao ensino e a cultura. Para tal o projeto partiu de um princípio bem antigo, mas que usado por anos levou ao desenvolvimento das ciências em geral. Este principio é o da modelagem tridimensional de estruturas reais.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) . , Integrantes: Elenice Maria Correa - Coordenador / Camila da Silva Conceição - Integrante., Número de orientações: 1

  • 2013 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE JOGOS EM AMBIENTES VIRTUAIS: IMPLEM DE MET.DE ENSINO INTERATIVA, Descrição: O Projeto "Desenvolvimento de Jogos em Ambientes Virtuais: Implementação de Metodologia de Ensino Interativa com Construção de Conhecimento Coletivo" Resumo: De uma forma muito freqüente tendemos a fragmentar o conteúdo apresentado em sala de aula de uma forma pontual e focal com o objetivo de facilitar sua compreensão. Esse método de ensino faz com que os alunos se confrontem com uma série de fundamentos e conceitos, que acabam sendo decorados, sem que percebam os mecanismos integrativos que envolvem todos os processos que lhes foram apresentados de forma isolada. Diante de um mundo em constante movimento, da complexidade que caracteriza o real e da revolução na área das Ciências da Vida, é imprescindível que os alunos sejam capazes de transpor o conhecimento adquirido em sala de aula para situações integrativas e práticas. É possível encontrar na internet diferentes materiais de animação ilustrando conceitos abordados em aulas de Embriologia. No entanto, nenhum deles ilustra de forma integrada o desenvolvimento embrionário, colocando-o em uma perspectiva multidisciplinar explorando, simultaneamente, os aspectos histológicos e celulares envolvido na formação de estruturas embrionárias. Desta forma, propomos um projeto inovador no qual buscaremos contemplar o aspecto multidisciplinar do desenvolvimento embrionário, gerando uma ferramenta de estudo para alunos da graduação que estejam cursando as disciplinas de Embriologia, Biologia Celular e Histologia. Propomos uma ferramenta de estudo utilizando as tecnologias de realidade virtual em um ambiente de jogo, onde os alunos serão expostos à dinâmica da gênese de um tecido biológico e suas características estruturais que irão determinar sua função dentro do organismo. Esta estratégia será desenvolvida através de uma colaboração entre os professores dos Programas de Graduação do Instituto de Ciências Biomédicas (UFRJ), do Laboratório de Pesquisa em Tecnologias da Informação e Comunicação (UFRJ) e a Profa. Victoria Brant. Este material será de domínio público, de forma que poderá atender alunos de diferentes instituições brasileiras e mundiais, ressaltando, desta forma, a excelência de ensino para graduação encontrada no Rio de Janeiro.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Maria Correa - Integrante / Helio dos Santos Dutra - Integrante / Jose Garcia Abreu - Coordenador / Katia Carneiro de Paula - Integrante / Victoria Brandt - Integrante / Valerio Coelho - Integrante / Marcia Cury - Integrante / Jose Marques Brito - Integrante / Maria Isabel doria Rossi - Integrante., Financiador(es): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Auxílio financeiro.

  • 2014 - Atual

    IMPLEMENTAÇÃO DE METODOLOGIA DE ENSINO: CONSTRUÇÃO DE CONHECIMENTO COLETIVO USANDO A MODELAGEM TRIDIMENSIONAL, Descrição: O projeto Museu 3D foi idealizado para atender a princípios o que se refere a inter-relação entre pesquisa, ensino e aprendizado. Sua meta fundamental foi promover a integração entre o ambiente acadêmico, e os vários setores da sociedade, no que se refere ao ensino e a cultura. Para tal o projeto partiu de um princípio bem antigo, mas que usado por anos levou ao desenvolvimento das ciências em geral. Este principio é o da modelagem tridimensional de estruturas reais.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) . , Integrantes: Elenice Maria Correa - Coordenador / Camila da Silva Conceição - Integrante., Número de orientações: 1

  • 2013 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE JOGOS EM AMBIENTES VIRTUAIS: IMPLEM DE MET.DE ENSINO INTERATIVA, Descrição: O Projeto "Desenvolvimento de Jogos em Ambientes Virtuais: Implementação de Metodologia de Ensino Interativa com Construção de Conhecimento Coletivo" Resumo: De uma forma muito freqüente tendemos a fragmentar o conteúdo apresentado em sala de aula de uma forma pontual e focal com o objetivo de facilitar sua compreensão. Esse método de ensino faz com que os alunos se confrontem com uma série de fundamentos e conceitos, que acabam sendo decorados, sem que percebam os mecanismos integrativos que envolvem todos os processos que lhes foram apresentados de forma isolada. Diante de um mundo em constante movimento, da complexidade que caracteriza o real e da revolução na área das Ciências da Vida, é imprescindível que os alunos sejam capazes de transpor o conhecimento adquirido em sala de aula para situações integrativas e práticas. É possível encontrar na internet diferentes materiais de animação ilustrando conceitos abordados em aulas de Embriologia. No entanto, nenhum deles ilustra de forma integrada o desenvolvimento embrionário, colocando-o em uma perspectiva multidisciplinar explorando, simultaneamente, os aspectos histológicos e celulares envolvido na formação de estruturas embrionárias. Desta forma, propomos um projeto inovador no qual buscaremos contemplar o aspecto multidisciplinar do desenvolvimento embrionário, gerando uma ferramenta de estudo para alunos da graduação que estejam cursando as disciplinas de Embriologia, Biologia Celular e Histologia. Propomos uma ferramenta de estudo utilizando as tecnologias de realidade virtual em um ambiente de jogo, onde os alunos serão expostos à dinâmica da gênese de um tecido biológico e suas características estruturais que irão determinar sua função dentro do organismo. Esta estratégia será desenvolvida através de uma colaboração entre os professores dos Programas de Graduação do Instituto de Ciências Biomédicas (UFRJ), do Laboratório de Pesquisa em Tecnologias da Informação e Comunicação (UFRJ) e a Profa. Victoria Brant. Este material será de domínio público, de forma que poderá atender alunos de diferentes instituições brasileiras e mundiais, ressaltando, desta forma, a excelência de ensino para graduação encontrada no Rio de Janeiro.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Maria Correa - Integrante / Helio dos Santos Dutra - Integrante / Jose Garcia Abreu - Coordenador / Katia Carneiro de Paula - Integrante / Victoria Brandt - Integrante / Valerio Coelho - Integrante / Marcia Cury - Integrante / Jose Marques Brito - Integrante / Maria Isabel doria Rossi - Integrante., Financiador(es): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Auxílio financeiro.

  • 2014 - Atual

    IMPLEMENTAÇÃO DE METODOLOGIA DE ENSINO: CONSTRUÇÃO DE CONHECIMENTO COLETIVO USANDO A MODELAGEM TRIDIMENSIONAL, Descrição: O projeto Museu 3D foi idealizado para atender a princípios o que se refere a inter-relação entre pesquisa, ensino e aprendizado. Sua meta fundamental foi promover a integração entre o ambiente acadêmico, e os vários setores da sociedade, no que se refere ao ensino e a cultura. Para tal o projeto partiu de um princípio bem antigo, mas que usado por anos levou ao desenvolvimento das ciências em geral. Este principio é o da modelagem tridimensional de estruturas reais.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) . , Integrantes: Elenice Maria Correa - Coordenador / Camila da Silva Conceição - Integrante., Número de orientações: 1

  • 2013 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE JOGOS EM AMBIENTES VIRTUAIS: IMPLEM DE MET.DE ENSINO INTERATIVA, Descrição: O Projeto "Desenvolvimento de Jogos em Ambientes Virtuais: Implementação de Metodologia de Ensino Interativa com Construção de Conhecimento Coletivo" Resumo: De uma forma muito freqüente tendemos a fragmentar o conteúdo apresentado em sala de aula de uma forma pontual e focal com o objetivo de facilitar sua compreensão. Esse método de ensino faz com que os alunos se confrontem com uma série de fundamentos e conceitos, que acabam sendo decorados, sem que percebam os mecanismos integrativos que envolvem todos os processos que lhes foram apresentados de forma isolada. Diante de um mundo em constante movimento, da complexidade que caracteriza o real e da revolução na área das Ciências da Vida, é imprescindível que os alunos sejam capazes de transpor o conhecimento adquirido em sala de aula para situações integrativas e práticas. É possível encontrar na internet diferentes materiais de animação ilustrando conceitos abordados em aulas de Embriologia. No entanto, nenhum deles ilustra de forma integrada o desenvolvimento embrionário, colocando-o em uma perspectiva multidisciplinar explorando, simultaneamente, os aspectos histológicos e celulares envolvido na formação de estruturas embrionárias. Desta forma, propomos um projeto inovador no qual buscaremos contemplar o aspecto multidisciplinar do desenvolvimento embrionário, gerando uma ferramenta de estudo para alunos da graduação que estejam cursando as disciplinas de Embriologia, Biologia Celular e Histologia. Propomos uma ferramenta de estudo utilizando as tecnologias de realidade virtual em um ambiente de jogo, onde os alunos serão expostos à dinâmica da gênese de um tecido biológico e suas características estruturais que irão determinar sua função dentro do organismo. Esta estratégia será desenvolvida através de uma colaboração entre os professores dos Programas de Graduação do Instituto de Ciências Biomédicas (UFRJ), do Laboratório de Pesquisa em Tecnologias da Informação e Comunicação (UFRJ) e a Profa. Victoria Brant. Este material será de domínio público, de forma que poderá atender alunos de diferentes instituições brasileiras e mundiais, ressaltando, desta forma, a excelência de ensino para graduação encontrada no Rio de Janeiro.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Maria Correa - Integrante / Helio dos Santos Dutra - Integrante / Jose Garcia Abreu - Coordenador / Katia Carneiro de Paula - Integrante / Victoria Brandt - Integrante / Valerio Coelho - Integrante / Marcia Cury - Integrante / Jose Marques Brito - Integrante / Maria Isabel doria Rossi - Integrante., Financiador(es): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Auxílio financeiro.

  • 2014 - Atual

    IMPLEMENTAÇÃO DE METODOLOGIA DE ENSINO: CONSTRUÇÃO DE CONHECIMENTO COLETIVO USANDO A MODELAGEM TRIDIMENSIONAL, Descrição: O projeto Museu 3D foi idealizado para atender a princípios o que se refere a inter-relação entre pesquisa, ensino e aprendizado. Sua meta fundamental foi promover a integração entre o ambiente acadêmico, e os vários setores da sociedade, no que se refere ao ensino e a cultura. Para tal o projeto partiu de um princípio bem antigo, mas que usado por anos levou ao desenvolvimento das ciências em geral. Este principio é o da modelagem tridimensional de estruturas reais.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) . , Integrantes: Elenice Maria Correa - Coordenador / Camila da Silva Conceição - Integrante., Número de orientações: 1

  • 2013 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE JOGOS EM AMBIENTES VIRTUAIS: IMPLEM DE MET.DE ENSINO INTERATIVA, Descrição: O Projeto "Desenvolvimento de Jogos em Ambientes Virtuais: Implementação de Metodologia de Ensino Interativa com Construção de Conhecimento Coletivo" Resumo: De uma forma muito freqüente tendemos a fragmentar o conteúdo apresentado em sala de aula de uma forma pontual e focal com o objetivo de facilitar sua compreensão. Esse método de ensino faz com que os alunos se confrontem com uma série de fundamentos e conceitos, que acabam sendo decorados, sem que percebam os mecanismos integrativos que envolvem todos os processos que lhes foram apresentados de forma isolada. Diante de um mundo em constante movimento, da complexidade que caracteriza o real e da revolução na área das Ciências da Vida, é imprescindível que os alunos sejam capazes de transpor o conhecimento adquirido em sala de aula para situações integrativas e práticas. É possível encontrar na internet diferentes materiais de animação ilustrando conceitos abordados em aulas de Embriologia. No entanto, nenhum deles ilustra de forma integrada o desenvolvimento embrionário, colocando-o em uma perspectiva multidisciplinar explorando, simultaneamente, os aspectos histológicos e celulares envolvido na formação de estruturas embrionárias. Desta forma, propomos um projeto inovador no qual buscaremos contemplar o aspecto multidisciplinar do desenvolvimento embrionário, gerando uma ferramenta de estudo para alunos da graduação que estejam cursando as disciplinas de Embriologia, Biologia Celular e Histologia. Propomos uma ferramenta de estudo utilizando as tecnologias de realidade virtual em um ambiente de jogo, onde os alunos serão expostos à dinâmica da gênese de um tecido biológico e suas características estruturais que irão determinar sua função dentro do organismo. Esta estratégia será desenvolvida através de uma colaboração entre os professores dos Programas de Graduação do Instituto de Ciências Biomédicas (UFRJ), do Laboratório de Pesquisa em Tecnologias da Informação e Comunicação (UFRJ) e a Profa. Victoria Brant. Este material será de domínio público, de forma que poderá atender alunos de diferentes instituições brasileiras e mundiais, ressaltando, desta forma, a excelência de ensino para graduação encontrada no Rio de Janeiro.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Maria Correa - Integrante / Helio dos Santos Dutra - Integrante / Jose Garcia Abreu - Coordenador / Katia Carneiro de Paula - Integrante / Victoria Brandt - Integrante / Valerio Coelho - Integrante / Marcia Cury - Integrante / Jose Marques Brito - Integrante / Maria Isabel doria Rossi - Integrante., Financiador(es): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Auxílio financeiro.

  • 2014 - Atual

    IMPLEMENTAÇÃO DE METODOLOGIA DE ENSINO: CONSTRUÇÃO DE CONHECIMENTO COLETIVO USANDO A MODELAGEM TRIDIMENSIONAL, Descrição: O projeto Museu 3D foi idealizado para atender a princípios o que se refere a inter-relação entre pesquisa, ensino e aprendizado. Sua meta fundamental foi promover a integração entre o ambiente acadêmico, e os vários setores da sociedade, no que se refere ao ensino e a cultura. Para tal o projeto partiu de um princípio bem antigo, mas que usado por anos levou ao desenvolvimento das ciências em geral. Este principio é o da modelagem tridimensional de estruturas reais.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) . , Integrantes: Elenice Maria Correa - Coordenador / Camila da Silva Conceição - Integrante., Número de orientações: 1

  • 2013 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE JOGOS EM AMBIENTES VIRTUAIS: IMPLEM DE MET.DE ENSINO INTERATIVA, Descrição: O Projeto "Desenvolvimento de Jogos em Ambientes Virtuais: Implementação de Metodologia de Ensino Interativa com Construção de Conhecimento Coletivo" Resumo: De uma forma muito freqüente tendemos a fragmentar o conteúdo apresentado em sala de aula de uma forma pontual e focal com o objetivo de facilitar sua compreensão. Esse método de ensino faz com que os alunos se confrontem com uma série de fundamentos e conceitos, que acabam sendo decorados, sem que percebam os mecanismos integrativos que envolvem todos os processos que lhes foram apresentados de forma isolada. Diante de um mundo em constante movimento, da complexidade que caracteriza o real e da revolução na área das Ciências da Vida, é imprescindível que os alunos sejam capazes de transpor o conhecimento adquirido em sala de aula para situações integrativas e práticas. É possível encontrar na internet diferentes materiais de animação ilustrando conceitos abordados em aulas de Embriologia. No entanto, nenhum deles ilustra de forma integrada o desenvolvimento embrionário, colocando-o em uma perspectiva multidisciplinar explorando, simultaneamente, os aspectos histológicos e celulares envolvido na formação de estruturas embrionárias. Desta forma, propomos um projeto inovador no qual buscaremos contemplar o aspecto multidisciplinar do desenvolvimento embrionário, gerando uma ferramenta de estudo para alunos da graduação que estejam cursando as disciplinas de Embriologia, Biologia Celular e Histologia. Propomos uma ferramenta de estudo utilizando as tecnologias de realidade virtual em um ambiente de jogo, onde os alunos serão expostos à dinâmica da gênese de um tecido biológico e suas características estruturais que irão determinar sua função dentro do organismo. Esta estratégia será desenvolvida através de uma colaboração entre os professores dos Programas de Graduação do Instituto de Ciências Biomédicas (UFRJ), do Laboratório de Pesquisa em Tecnologias da Informação e Comunicação (UFRJ) e a Profa. Victoria Brant. Este material será de domínio público, de forma que poderá atender alunos de diferentes instituições brasileiras e mundiais, ressaltando, desta forma, a excelência de ensino para graduação encontrada no Rio de Janeiro.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Maria Correa - Integrante / Helio dos Santos Dutra - Integrante / Jose Garcia Abreu - Coordenador / Katia Carneiro de Paula - Integrante / Victoria Brandt - Integrante / Valerio Coelho - Integrante / Marcia Cury - Integrante / Jose Marques Brito - Integrante / Maria Isabel doria Rossi - Integrante., Financiador(es): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Auxílio financeiro.

  • 2014 - Atual

    IMPLEMENTAÇÃO DE METODOLOGIA DE ENSINO: CONSTRUÇÃO DE CONHECIMENTO COLETIVO USANDO A MODELAGEM TRIDIMENSIONAL, Descrição: O projeto Museu 3D foi idealizado para atender a princípios o que se refere a inter-relação entre pesquisa, ensino e aprendizado. Sua meta fundamental foi promover a integração entre o ambiente acadêmico, e os vários setores da sociedade, no que se refere ao ensino e a cultura. Para tal o projeto partiu de um princípio bem antigo, mas que usado por anos levou ao desenvolvimento das ciências em geral. Este principio é o da modelagem tridimensional de estruturas reais.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) . , Integrantes: Elenice Maria Correa - Coordenador / Camila da Silva Conceição - Integrante., Número de orientações: 1

  • 2013 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE JOGOS EM AMBIENTES VIRTUAIS: IMPLEM DE MET.DE ENSINO INTERATIVA, Descrição: O Projeto "Desenvolvimento de Jogos em Ambientes Virtuais: Implementação de Metodologia de Ensino Interativa com Construção de Conhecimento Coletivo" Resumo: De uma forma muito freqüente tendemos a fragmentar o conteúdo apresentado em sala de aula de uma forma pontual e focal com o objetivo de facilitar sua compreensão. Esse método de ensino faz com que os alunos se confrontem com uma série de fundamentos e conceitos, que acabam sendo decorados, sem que percebam os mecanismos integrativos que envolvem todos os processos que lhes foram apresentados de forma isolada. Diante de um mundo em constante movimento, da complexidade que caracteriza o real e da revolução na área das Ciências da Vida, é imprescindível que os alunos sejam capazes de transpor o conhecimento adquirido em sala de aula para situações integrativas e práticas. É possível encontrar na internet diferentes materiais de animação ilustrando conceitos abordados em aulas de Embriologia. No entanto, nenhum deles ilustra de forma integrada o desenvolvimento embrionário, colocando-o em uma perspectiva multidisciplinar explorando, simultaneamente, os aspectos histológicos e celulares envolvido na formação de estruturas embrionárias. Desta forma, propomos um projeto inovador no qual buscaremos contemplar o aspecto multidisciplinar do desenvolvimento embrionário, gerando uma ferramenta de estudo para alunos da graduação que estejam cursando as disciplinas de Embriologia, Biologia Celular e Histologia. Propomos uma ferramenta de estudo utilizando as tecnologias de realidade virtual em um ambiente de jogo, onde os alunos serão expostos à dinâmica da gênese de um tecido biológico e suas características estruturais que irão determinar sua função dentro do organismo. Esta estratégia será desenvolvida através de uma colaboração entre os professores dos Programas de Graduação do Instituto de Ciências Biomédicas (UFRJ), do Laboratório de Pesquisa em Tecnologias da Informação e Comunicação (UFRJ) e a Profa. Victoria Brant. Este material será de domínio público, de forma que poderá atender alunos de diferentes instituições brasileiras e mundiais, ressaltando, desta forma, a excelência de ensino para graduação encontrada no Rio de Janeiro.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Maria Correa - Integrante / Helio dos Santos Dutra - Integrante / Jose Garcia Abreu - Coordenador / Katia Carneiro de Paula - Integrante / Victoria Brandt - Integrante / Valerio Coelho - Integrante / Marcia Cury - Integrante / Jose Marques Brito - Integrante / Maria Isabel doria Rossi - Integrante., Financiador(es): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Auxílio financeiro.

  • 2014 - Atual

    IMPLEMENTAÇÃO DE METODOLOGIA DE ENSINO: CONSTRUÇÃO DE CONHECIMENTO COLETIVO USANDO A MODELAGEM TRIDIMENSIONAL, Descrição: O projeto Museu 3D foi idealizado para atender a princípios o que se refere a inter-relação entre pesquisa, ensino e aprendizado. Sua meta fundamental foi promover a integração entre o ambiente acadêmico, e os vários setores da sociedade, no que se refere ao ensino e a cultura. Para tal o projeto partiu de um princípio bem antigo, mas que usado por anos levou ao desenvolvimento das ciências em geral. Este principio é o da modelagem tridimensional de estruturas reais.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) . , Integrantes: Elenice Maria Correa - Coordenador / Camila da Silva Conceição - Integrante., Número de orientações: 1

  • 2013 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE JOGOS EM AMBIENTES VIRTUAIS: IMPLEM DE MET.DE ENSINO INTERATIVA, Descrição: O Projeto "Desenvolvimento de Jogos em Ambientes Virtuais: Implementação de Metodologia de Ensino Interativa com Construção de Conhecimento Coletivo" Resumo: De uma forma muito freqüente tendemos a fragmentar o conteúdo apresentado em sala de aula de uma forma pontual e focal com o objetivo de facilitar sua compreensão. Esse método de ensino faz com que os alunos se confrontem com uma série de fundamentos e conceitos, que acabam sendo decorados, sem que percebam os mecanismos integrativos que envolvem todos os processos que lhes foram apresentados de forma isolada. Diante de um mundo em constante movimento, da complexidade que caracteriza o real e da revolução na área das Ciências da Vida, é imprescindível que os alunos sejam capazes de transpor o conhecimento adquirido em sala de aula para situações integrativas e práticas. É possível encontrar na internet diferentes materiais de animação ilustrando conceitos abordados em aulas de Embriologia. No entanto, nenhum deles ilustra de forma integrada o desenvolvimento embrionário, colocando-o em uma perspectiva multidisciplinar explorando, simultaneamente, os aspectos histológicos e celulares envolvido na formação de estruturas embrionárias. Desta forma, propomos um projeto inovador no qual buscaremos contemplar o aspecto multidisciplinar do desenvolvimento embrionário, gerando uma ferramenta de estudo para alunos da graduação que estejam cursando as disciplinas de Embriologia, Biologia Celular e Histologia. Propomos uma ferramenta de estudo utilizando as tecnologias de realidade virtual em um ambiente de jogo, onde os alunos serão expostos à dinâmica da gênese de um tecido biológico e suas características estruturais que irão determinar sua função dentro do organismo. Esta estratégia será desenvolvida através de uma colaboração entre os professores dos Programas de Graduação do Instituto de Ciências Biomédicas (UFRJ), do Laboratório de Pesquisa em Tecnologias da Informação e Comunicação (UFRJ) e a Profa. Victoria Brant. Este material será de domínio público, de forma que poderá atender alunos de diferentes instituições brasileiras e mundiais, ressaltando, desta forma, a excelência de ensino para graduação encontrada no Rio de Janeiro.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Maria Correa - Integrante / Helio dos Santos Dutra - Integrante / Jose Garcia Abreu - Coordenador / Katia Carneiro de Paula - Integrante / Victoria Brandt - Integrante / Valerio Coelho - Integrante / Marcia Cury - Integrante / Jose Marques Brito - Integrante / Maria Isabel doria Rossi - Integrante., Financiador(es): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Auxílio financeiro.

  • 2014 - Atual

    IMPLEMENTAÇÃO DE METODOLOGIA DE ENSINO: CONSTRUÇÃO DE CONHECIMENTO COLETIVO USANDO A MODELAGEM TRIDIMENSIONAL, Descrição: O projeto Museu 3D foi idealizado para atender a princípios o que se refere a inter-relação entre pesquisa, ensino e aprendizado. Sua meta fundamental foi promover a integração entre o ambiente acadêmico, e os vários setores da sociedade, no que se refere ao ensino e a cultura. Para tal o projeto partiu de um princípio bem antigo, mas que usado por anos levou ao desenvolvimento das ciências em geral. Este principio é o da modelagem tridimensional de estruturas reais.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) . , Integrantes: Elenice Maria Correa - Coordenador / Camila da Silva Conceição - Integrante., Número de orientações: 1

  • 2013 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE JOGOS EM AMBIENTES VIRTUAIS: IMPLEM DE MET.DE ENSINO INTERATIVA, Descrição: O Projeto "Desenvolvimento de Jogos em Ambientes Virtuais: Implementação de Metodologia de Ensino Interativa com Construção de Conhecimento Coletivo" Resumo: De uma forma muito freqüente tendemos a fragmentar o conteúdo apresentado em sala de aula de uma forma pontual e focal com o objetivo de facilitar sua compreensão. Esse método de ensino faz com que os alunos se confrontem com uma série de fundamentos e conceitos, que acabam sendo decorados, sem que percebam os mecanismos integrativos que envolvem todos os processos que lhes foram apresentados de forma isolada. Diante de um mundo em constante movimento, da complexidade que caracteriza o real e da revolução na área das Ciências da Vida, é imprescindível que os alunos sejam capazes de transpor o conhecimento adquirido em sala de aula para situações integrativas e práticas. É possível encontrar na internet diferentes materiais de animação ilustrando conceitos abordados em aulas de Embriologia. No entanto, nenhum deles ilustra de forma integrada o desenvolvimento embrionário, colocando-o em uma perspectiva multidisciplinar explorando, simultaneamente, os aspectos histológicos e celulares envolvido na formação de estruturas embrionárias. Desta forma, propomos um projeto inovador no qual buscaremos contemplar o aspecto multidisciplinar do desenvolvimento embrionário, gerando uma ferramenta de estudo para alunos da graduação que estejam cursando as disciplinas de Embriologia, Biologia Celular e Histologia. Propomos uma ferramenta de estudo utilizando as tecnologias de realidade virtual em um ambiente de jogo, onde os alunos serão expostos à dinâmica da gênese de um tecido biológico e suas características estruturais que irão determinar sua função dentro do organismo. Esta estratégia será desenvolvida através de uma colaboração entre os professores dos Programas de Graduação do Instituto de Ciências Biomédicas (UFRJ), do Laboratório de Pesquisa em Tecnologias da Informação e Comunicação (UFRJ) e a Profa. Victoria Brant. Este material será de domínio público, de forma que poderá atender alunos de diferentes instituições brasileiras e mundiais, ressaltando, desta forma, a excelência de ensino para graduação encontrada no Rio de Janeiro.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Maria Correa - Integrante / Helio dos Santos Dutra - Integrante / Jose Garcia Abreu - Coordenador / Katia Carneiro de Paula - Integrante / Victoria Brandt - Integrante / Valerio Coelho - Integrante / Marcia Cury - Integrante / Jose Marques Brito - Integrante / Maria Isabel doria Rossi - Integrante., Financiador(es): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Auxílio financeiro.

  • 2014 - Atual

    IMPLEMENTAÇÃO DE METODOLOGIA DE ENSINO: CONSTRUÇÃO DE CONHECIMENTO COLETIVO USANDO A MODELAGEM TRIDIMENSIONAL, Descrição: O projeto Museu 3D foi idealizado para atender a princípios o que se refere a inter-relação entre pesquisa, ensino e aprendizado. Sua meta fundamental foi promover a integração entre o ambiente acadêmico, e os vários setores da sociedade, no que se refere ao ensino e a cultura. Para tal o projeto partiu de um princípio bem antigo, mas que usado por anos levou ao desenvolvimento das ciências em geral. Este principio é o da modelagem tridimensional de estruturas reais.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) . , Integrantes: Elenice Maria Correa - Coordenador / Camila da Silva Conceição - Integrante., Número de orientações: 1

  • 2013 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE JOGOS EM AMBIENTES VIRTUAIS: IMPLEM DE MET.DE ENSINO INTERATIVA, Descrição: O Projeto "Desenvolvimento de Jogos em Ambientes Virtuais: Implementação de Metodologia de Ensino Interativa com Construção de Conhecimento Coletivo" Resumo: De uma forma muito freqüente tendemos a fragmentar o conteúdo apresentado em sala de aula de uma forma pontual e focal com o objetivo de facilitar sua compreensão. Esse método de ensino faz com que os alunos se confrontem com uma série de fundamentos e conceitos, que acabam sendo decorados, sem que percebam os mecanismos integrativos que envolvem todos os processos que lhes foram apresentados de forma isolada. Diante de um mundo em constante movimento, da complexidade que caracteriza o real e da revolução na área das Ciências da Vida, é imprescindível que os alunos sejam capazes de transpor o conhecimento adquirido em sala de aula para situações integrativas e práticas. É possível encontrar na internet diferentes materiais de animação ilustrando conceitos abordados em aulas de Embriologia. No entanto, nenhum deles ilustra de forma integrada o desenvolvimento embrionário, colocando-o em uma perspectiva multidisciplinar explorando, simultaneamente, os aspectos histológicos e celulares envolvido na formação de estruturas embrionárias. Desta forma, propomos um projeto inovador no qual buscaremos contemplar o aspecto multidisciplinar do desenvolvimento embrionário, gerando uma ferramenta de estudo para alunos da graduação que estejam cursando as disciplinas de Embriologia, Biologia Celular e Histologia. Propomos uma ferramenta de estudo utilizando as tecnologias de realidade virtual em um ambiente de jogo, onde os alunos serão expostos à dinâmica da gênese de um tecido biológico e suas características estruturais que irão determinar sua função dentro do organismo. Esta estratégia será desenvolvida através de uma colaboração entre os professores dos Programas de Graduação do Instituto de Ciências Biomédicas (UFRJ), do Laboratório de Pesquisa em Tecnologias da Informação e Comunicação (UFRJ) e a Profa. Victoria Brant. Este material será de domínio público, de forma que poderá atender alunos de diferentes instituições brasileiras e mundiais, ressaltando, desta forma, a excelência de ensino para graduação encontrada no Rio de Janeiro.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Maria Correa - Integrante / Helio dos Santos Dutra - Integrante / Jose Garcia Abreu - Coordenador / Katia Carneiro de Paula - Integrante / Victoria Brandt - Integrante / Valerio Coelho - Integrante / Marcia Cury - Integrante / Jose Marques Brito - Integrante / Maria Isabel doria Rossi - Integrante., Financiador(es): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Auxílio financeiro.

  • 2014 - Atual

    IMPLEMENTAÇÃO DE METODOLOGIA DE ENSINO: CONSTRUÇÃO DE CONHECIMENTO COLETIVO USANDO A MODELAGEM TRIDIMENSIONAL, Descrição: O projeto Museu 3D foi idealizado para atender a princípios o que se refere a inter-relação entre pesquisa, ensino e aprendizado. Sua meta fundamental foi promover a integração entre o ambiente acadêmico, e os vários setores da sociedade, no que se refere ao ensino e a cultura. Para tal o projeto partiu de um princípio bem antigo, mas que usado por anos levou ao desenvolvimento das ciências em geral. Este principio é o da modelagem tridimensional de estruturas reais.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) . , Integrantes: Elenice Maria Correa - Coordenador / Camila da Silva Conceição - Integrante., Número de orientações: 1

  • 2013 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE JOGOS EM AMBIENTES VIRTUAIS: IMPLEM DE MET.DE ENSINO INTERATIVA, Descrição: O Projeto "Desenvolvimento de Jogos em Ambientes Virtuais: Implementação de Metodologia de Ensino Interativa com Construção de Conhecimento Coletivo" Resumo: De uma forma muito freqüente tendemos a fragmentar o conteúdo apresentado em sala de aula de uma forma pontual e focal com o objetivo de facilitar sua compreensão. Esse método de ensino faz com que os alunos se confrontem com uma série de fundamentos e conceitos, que acabam sendo decorados, sem que percebam os mecanismos integrativos que envolvem todos os processos que lhes foram apresentados de forma isolada. Diante de um mundo em constante movimento, da complexidade que caracteriza o real e da revolução na área das Ciências da Vida, é imprescindível que os alunos sejam capazes de transpor o conhecimento adquirido em sala de aula para situações integrativas e práticas. É possível encontrar na internet diferentes materiais de animação ilustrando conceitos abordados em aulas de Embriologia. No entanto, nenhum deles ilustra de forma integrada o desenvolvimento embrionário, colocando-o em uma perspectiva multidisciplinar explorando, simultaneamente, os aspectos histológicos e celulares envolvido na formação de estruturas embrionárias. Desta forma, propomos um projeto inovador no qual buscaremos contemplar o aspecto multidisciplinar do desenvolvimento embrionário, gerando uma ferramenta de estudo para alunos da graduação que estejam cursando as disciplinas de Embriologia, Biologia Celular e Histologia. Propomos uma ferramenta de estudo utilizando as tecnologias de realidade virtual em um ambiente de jogo, onde os alunos serão expostos à dinâmica da gênese de um tecido biológico e suas características estruturais que irão determinar sua função dentro do organismo. Esta estratégia será desenvolvida através de uma colaboração entre os professores dos Programas de Graduação do Instituto de Ciências Biomédicas (UFRJ), do Laboratório de Pesquisa em Tecnologias da Informação e Comunicação (UFRJ) e a Profa. Victoria Brant. Este material será de domínio público, de forma que poderá atender alunos de diferentes instituições brasileiras e mundiais, ressaltando, desta forma, a excelência de ensino para graduação encontrada no Rio de Janeiro.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Maria Correa - Integrante / Helio dos Santos Dutra - Integrante / Jose Garcia Abreu - Coordenador / Katia Carneiro de Paula - Integrante / Victoria Brandt - Integrante / Valerio Coelho - Integrante / Marcia Cury - Integrante / Jose Marques Brito - Integrante / Maria Isabel doria Rossi - Integrante., Financiador(es): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Auxílio financeiro.

  • 2014 - Atual

    IMPLEMENTAÇÃO DE METODOLOGIA DE ENSINO: CONSTRUÇÃO DE CONHECIMENTO COLETIVO USANDO A MODELAGEM TRIDIMENSIONAL, Descrição: O projeto Museu 3D foi idealizado para atender a princípios o que se refere a inter-relação entre pesquisa, ensino e aprendizado. Sua meta fundamental foi promover a integração entre o ambiente acadêmico, e os vários setores da sociedade, no que se refere ao ensino e a cultura. Para tal o projeto partiu de um princípio bem antigo, mas que usado por anos levou ao desenvolvimento das ciências em geral. Este principio é o da modelagem tridimensional de estruturas reais.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) . , Integrantes: Elenice Maria Correa - Coordenador / Camila da Silva Conceição - Integrante., Número de orientações: 1

  • 2013 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE JOGOS EM AMBIENTES VIRTUAIS: IMPLEM DE MET.DE ENSINO INTERATIVA, Descrição: O Projeto "Desenvolvimento de Jogos em Ambientes Virtuais: Implementação de Metodologia de Ensino Interativa com Construção de Conhecimento Coletivo" Resumo: De uma forma muito freqüente tendemos a fragmentar o conteúdo apresentado em sala de aula de uma forma pontual e focal com o objetivo de facilitar sua compreensão. Esse método de ensino faz com que os alunos se confrontem com uma série de fundamentos e conceitos, que acabam sendo decorados, sem que percebam os mecanismos integrativos que envolvem todos os processos que lhes foram apresentados de forma isolada. Diante de um mundo em constante movimento, da complexidade que caracteriza o real e da revolução na área das Ciências da Vida, é imprescindível que os alunos sejam capazes de transpor o conhecimento adquirido em sala de aula para situações integrativas e práticas. É possível encontrar na internet diferentes materiais de animação ilustrando conceitos abordados em aulas de Embriologia. No entanto, nenhum deles ilustra de forma integrada o desenvolvimento embrionário, colocando-o em uma perspectiva multidisciplinar explorando, simultaneamente, os aspectos histológicos e celulares envolvido na formação de estruturas embrionárias. Desta forma, propomos um projeto inovador no qual buscaremos contemplar o aspecto multidisciplinar do desenvolvimento embrionário, gerando uma ferramenta de estudo para alunos da graduação que estejam cursando as disciplinas de Embriologia, Biologia Celular e Histologia. Propomos uma ferramenta de estudo utilizando as tecnologias de realidade virtual em um ambiente de jogo, onde os alunos serão expostos à dinâmica da gênese de um tecido biológico e suas características estruturais que irão determinar sua função dentro do organismo. Esta estratégia será desenvolvida através de uma colaboração entre os professores dos Programas de Graduação do Instituto de Ciências Biomédicas (UFRJ), do Laboratório de Pesquisa em Tecnologias da Informação e Comunicação (UFRJ) e a Profa. Victoria Brant. Este material será de domínio público, de forma que poderá atender alunos de diferentes instituições brasileiras e mundiais, ressaltando, desta forma, a excelência de ensino para graduação encontrada no Rio de Janeiro.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Maria Correa - Integrante / Helio dos Santos Dutra - Integrante / Jose Garcia Abreu - Coordenador / Katia Carneiro de Paula - Integrante / Victoria Brandt - Integrante / Valerio Coelho - Integrante / Marcia Cury - Integrante / Jose Marques Brito - Integrante / Maria Isabel doria Rossi - Integrante., Financiador(es): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Auxílio financeiro.

  • 2014 - Atual

    IMPLEMENTAÇÃO DE METODOLOGIA DE ENSINO: CONSTRUÇÃO DE CONHECIMENTO COLETIVO USANDO A MODELAGEM TRIDIMENSIONAL, Descrição: O projeto Museu 3D foi idealizado para atender a princípios o que se refere a inter-relação entre pesquisa, ensino e aprendizado. Sua meta fundamental foi promover a integração entre o ambiente acadêmico, e os vários setores da sociedade, no que se refere ao ensino e a cultura. Para tal o projeto partiu de um princípio bem antigo, mas que usado por anos levou ao desenvolvimento das ciências em geral. Este principio é o da modelagem tridimensional de estruturas reais.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) . , Integrantes: Elenice Maria Correa - Coordenador / Camila da Silva Conceição - Integrante.Número de orientações: 1

  • 2013 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE JOGOS EM AMBIENTES VIRTUAIS: IMPLEM DE MET.DE ENSINO INTERATIVA, Descrição: O Projeto "Desenvolvimento de Jogos em Ambientes Virtuais: Implementação de Metodologia de Ensino Interativa com Construção de Conhecimento Coletivo" Resumo: De uma forma muito freqüente tendemos a fragmentar o conteúdo apresentado em sala de aula de uma forma pontual e focal com o objetivo de facilitar sua compreensão. Esse método de ensino faz com que os alunos se confrontem com uma série de fundamentos e conceitos, que acabam sendo decorados, sem que percebam os mecanismos integrativos que envolvem todos os processos que lhes foram apresentados de forma isolada. Diante de um mundo em constante movimento, da complexidade que caracteriza o real e da revolução na área das Ciências da Vida, é imprescindível que os alunos sejam capazes de transpor o conhecimento adquirido em sala de aula para situações integrativas e práticas. É possível encontrar na internet diferentes materiais de animação ilustrando conceitos abordados em aulas de Embriologia. No entanto, nenhum deles ilustra de forma integrada o desenvolvimento embrionário, colocando-o em uma perspectiva multidisciplinar explorando, simultaneamente, os aspectos histológicos e celulares envolvido na formação de estruturas embrionárias. Desta forma, propomos um projeto inovador no qual buscaremos contemplar o aspecto multidisciplinar do desenvolvimento embrionário, gerando uma ferramenta de estudo para alunos da graduação que estejam cursando as disciplinas de Embriologia, Biologia Celular e Histologia. Propomos uma ferramenta de estudo utilizando as tecnologias de realidade virtual em um ambiente de jogo, onde os alunos serão expostos à dinâmica da gênese de um tecido biológico e suas características estruturais que irão determinar sua função dentro do organismo. Esta estratégia será desenvolvida através de uma colaboração entre os professores dos Programas de Graduação do Instituto de Ciências Biomédicas (UFRJ), do Laboratório de Pesquisa em Tecnologias da Informação e Comunicação (UFRJ) e a Profa. Victoria Brant. Este material será de domínio público, de forma que poderá atender alunos de diferentes instituições brasileiras e mundiais, ressaltando, desta forma, a excelência de ensino para graduação encontrada no Rio de Janeiro.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento.

  • 2014 - Atual

    IMPLEMENTAÇÃO DE METODOLOGIA DE ENSINO: CONSTRUÇÃO DE CONHECIMENTO COLETIVO USANDO A MODELAGEM TRIDIMENSIONAL, Descrição: O projeto Museu 3D foi idealizado para atender a princípios o que se refere a inter-relação entre pesquisa, ensino e aprendizado. Sua meta fundamental foi promover a integração entre o ambiente acadêmico, e os vários setores da sociedade, no que se refere ao ensino e a cultura. Para tal o projeto partiu de um princípio bem antigo, mas que usado por anos levou ao desenvolvimento das ciências em geral. Este principio é o da modelagem tridimensional de estruturas reais.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) . , Integrantes: Elenice Maria Correa - Coordenador / Camila da Silva Conceição - Integrante., Número de orientações: 1

  • 2013 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE JOGOS EM AMBIENTES VIRTUAIS: IMPLEM DE MET.DE ENSINO INTERATIVA, Descrição: O Projeto "Desenvolvimento de Jogos em Ambientes Virtuais: Implementação de Metodologia de Ensino Interativa com Construção de Conhecimento Coletivo" Resumo: De uma forma muito freqüente tendemos a fragmentar o conteúdo apresentado em sala de aula de uma forma pontual e focal com o objetivo de facilitar sua compreensão. Esse método de ensino faz com que os alunos se confrontem com uma série de fundamentos e conceitos, que acabam sendo decorados, sem que percebam os mecanismos integrativos que envolvem todos os processos que lhes foram apresentados de forma isolada. Diante de um mundo em constante movimento, da complexidade que caracteriza o real e da revolução na área das Ciências da Vida, é imprescindível que os alunos sejam capazes de transpor o conhecimento adquirido em sala de aula para situações integrativas e práticas. É possível encontrar na internet diferentes materiais de animação ilustrando conceitos abordados em aulas de Embriologia. No entanto, nenhum deles ilustra de forma integrada o desenvolvimento embrionário, colocando-o em uma perspectiva multidisciplinar explorando, simultaneamente, os aspectos histológicos e celulares envolvido na formação de estruturas embrionárias. Desta forma, propomos um projeto inovador no qual buscaremos contemplar o aspecto multidisciplinar do desenvolvimento embrionário, gerando uma ferramenta de estudo para alunos da graduação que estejam cursando as disciplinas de Embriologia, Biologia Celular e Histologia. Propomos uma ferramenta de estudo utilizando as tecnologias de realidade virtual em um ambiente de jogo, onde os alunos serão expostos à dinâmica da gênese de um tecido biológico e suas características estruturais que irão determinar sua função dentro do organismo. Esta estratégia será desenvolvida através de uma colaboração entre os professores dos Programas de Graduação do Instituto de Ciências Biomédicas (UFRJ), do Laboratório de Pesquisa em Tecnologias da Informação e Comunicação (UFRJ) e a Profa. Victoria Brant. Este material será de domínio público, de forma que poderá atender alunos de diferentes instituições brasileiras e mundiais, ressaltando, desta forma, a excelência de ensino para graduação encontrada no Rio de Janeiro.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Maria Correa - Integrante / Helio dos Santos Dutra - Integrante / Jose Garcia Abreu - Coordenador / Katia Carneiro de Paula - Integrante / Victoria Brandt - Integrante / Valerio Coelho - Integrante / Marcia Cury - Integrante / Jose Marques Brito - Integrante / Maria Isabel doria Rossi - Integrante., Financiador(es): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Auxílio financeiro.

  • 2014 - Atual

    IMPLEMENTAÇÃO DE METODOLOGIA DE ENSINO: CONSTRUÇÃO DE CONHECIMENTO COLETIVO USANDO A MODELAGEM TRIDIMENSIONAL, Descrição: O projeto Museu 3D foi idealizado para atender a princípios o que se refere a inter-relação entre pesquisa, ensino e aprendizado. Sua meta fundamental foi promover a integração entre o ambiente acadêmico, e os vários setores da sociedade, no que se refere ao ensino e a cultura. Para tal o projeto partiu de um princípio bem antigo, mas que usado por anos levou ao desenvolvimento das ciências em geral. Este principio é o da modelagem tridimensional de estruturas reais.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) . , Integrantes: Elenice Maria Correa - Coordenador / Camila da Silva Conceição - Integrante., Número de orientações: 1

  • 2013 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE JOGOS EM AMBIENTES VIRTUAIS: IMPLEM DE MET.DE ENSINO INTERATIVA, Descrição: O Projeto "Desenvolvimento de Jogos em Ambientes Virtuais: Implementação de Metodologia de Ensino Interativa com Construção de Conhecimento Coletivo" Resumo: De uma forma muito freqüente tendemos a fragmentar o conteúdo apresentado em sala de aula de uma forma pontual e focal com o objetivo de facilitar sua compreensão. Esse método de ensino faz com que os alunos se confrontem com uma série de fundamentos e conceitos, que acabam sendo decorados, sem que percebam os mecanismos integrativos que envolvem todos os processos que lhes foram apresentados de forma isolada. Diante de um mundo em constante movimento, da complexidade que caracteriza o real e da revolução na área das Ciências da Vida, é imprescindível que os alunos sejam capazes de transpor o conhecimento adquirido em sala de aula para situações integrativas e práticas. É possível encontrar na internet diferentes materiais de animação ilustrando conceitos abordados em aulas de Embriologia. No entanto, nenhum deles ilustra de forma integrada o desenvolvimento embrionário, colocando-o em uma perspectiva multidisciplinar explorando, simultaneamente, os aspectos histológicos e celulares envolvido na formação de estruturas embrionárias. Desta forma, propomos um projeto inovador no qual buscaremos contemplar o aspecto multidisciplinar do desenvolvimento embrionário, gerando uma ferramenta de estudo para alunos da graduação que estejam cursando as disciplinas de Embriologia, Biologia Celular e Histologia. Propomos uma ferramenta de estudo utilizando as tecnologias de realidade virtual em um ambiente de jogo, onde os alunos serão expostos à dinâmica da gênese de um tecido biológico e suas características estruturais que irão determinar sua função dentro do organismo. Esta estratégia será desenvolvida através de uma colaboração entre os professores dos Programas de Graduação do Instituto de Ciências Biomédicas (UFRJ), do Laboratório de Pesquisa em Tecnologias da Informação e Comunicação (UFRJ) e a Profa. Victoria Brant. Este material será de domínio público, de forma que poderá atender alunos de diferentes instituições brasileiras e mundiais, ressaltando, desta forma, a excelência de ensino para graduação encontrada no Rio de Janeiro.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Maria Correa - Integrante / Helio dos Santos Dutra - Integrante / Jose Garcia Abreu - Coordenador / Katia Carneiro de Paula - Integrante / Victoria Brandt - Integrante / Valerio Coelho - Integrante / Marcia Cury - Integrante / Jose Marques Brito - Integrante / Maria Isabel doria Rossi - Integrante., Financiador(es): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Auxílio financeiro.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Prêmios

2017

MENÇÃO HONROSA EM EXTENSÃO E PESQUISA-EXTENSÃO (ARTIGO 5865), UFRJ 8ª SIAC.

2017

MENÇÃO HONROSA EM EXTENSÃO E PESQUISA-EXTENSÃO (ARTIGO 738), UFRJ 8ª SIAC.

2016

PREMIO MENÇÃO HONROSA EM EDUCAÇÃO, EXTENSÃO - 7ª Semana de Integração Acadêmica UFRJ.

2015

PRÊMIO FUJB DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA 2015 Menção Honrosa., FUJB.

2015

PRÊMIO FUJB DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA (Melhor Trabalho) EDUCAÇÂO, FUJB/RJ.

2006

PRÊMIO NA CATEGORIA ANATOMIA MICROSCÓPICA - Melhor Trabalho (Nota Máxima), Congresso Brasileiro de Anatomia/Congresso Chileno de Anatomia/Congresso de Anatomia Del Cono Sur.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Universidade Federal do Rio de Janeiro, Instituto de Ciências Biomédicas, Departamento de Histologia e Embriologia. , Centro de Ciencias da Saude, bloco F, sala 24, Lab. de Neurobiologia, Ilha do Fundão, 21941-590 - Rio de Janeiro, RJ - Brasil, Telefone: (21) 25626427

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 1990 - 1990

    Faculdade de medicina de Volta Redonda

    Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor Assistente, Carga horária: 20

    Atividades

    • 01/1990 - 12/1990

      Ensino, Medicina, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Histologia e Embriologia para o Curso de Medicina

  • 1992 - Atual

    Universidade Federal do Rio de Janeiro

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor adjunto, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    em atuação

    Atividades

    • 01/2013

      Extensão universitária , Universidade Federal do Rio de Janeiro, .,Atividade de extensão realizada, CONGRESSOS DE EXTENSÃO (10º E 11º), UFRJ, 2013, 2014.

    • 01/2013

      Outras atividades técnico-científicas , Instituto de Ciencias Biomedicas, Instituto de Ciencias Biomedicas.,Atividade realizada, PROJETO: DESENVOLVIMENTO DE JOGOS EM AMBIENTES VIRTUAIS:IMPLEMENTAÇÃO DE METODOLOGIA DE ENSINO INTERATIVA (EM PARCERIA), desde 2013.

    • 01/2012

      Ensino, Ciencias Biologicas modalidade Médica, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, TRANSTORNOS RELACIONADOS A NEUROSINALIZAÇÃO E ESTRESSE (DISCIPLINA ELETIVA PARA OS CURSOS DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS MODALIDADE MÉDICA , PARA FONOAUDIOLOGIA E PARA PSICOLOGIA)2012,2013,2014 (SEMESTRAL)

    • 01/2012

      Extensão universitária , Universidade Federal do Rio de Janeiro, .,Atividade de extensão realizada, ENCONTRO SAÚDE E EDUCAÇÃO PARA CIDADANIA (VII) (COM 1 OFICINA), 2012.

    • 01/2012

      Extensão universitária , Universidade Federal do Rio de Janeiro, .,Atividade de extensão realizada, DIVULGAÇÃO CIENTÍFICA EM ESCOLA PÚBLICA -FEIRA DO CONHECIMENTO DO ENSINO FUNDAMENTAL-FUNDAÇÃO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO, RJ, 2013.

    • 01/2009

      Extensão universitária , Instituto de Ciencias Biomedicas, .,Atividade de extensão realizada, PROJETO DE EXTENSÃO MUSEU 3D -HOMOLOGADO PELA CONGREGAÇÃO ICB EM 2009.

    • 01/2009

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto de Ciencias Biomedicas, .,Cargo ou função, MEMBRO DO PROGRAMA DE PESQUISA EM NEUROCIENCIAS BÁSICAS E CLÍNICA DO ICB/UFRJ,desde 2010.

    • 01/2008

      Extensão universitária , Centro de Ciências da Saúde, .,Atividade de extensão realizada, ENCONTRO DE EXTENSÃO DO ICB,UFRJ, 2010,2011,2013,2014.

    • 01/2006

      Serviços técnicos especializados , Centro de Ciências da Saúde, .,Serviço realizado, PARECERISTA EM TRABALHOS PARA A APRESENTAÇÃO NA JORNADA DE INICIAÇÃO CIENTIFICA DA UFRJ,2006,2007,2001,2012,2014.

    • 01/1995

      Pesquisa e desenvolvimento , Instituto de Ciências Biomédicas, Departamento de Histologia e Embriologia.,Linhas de pesquisa

    • 01/1995

      Treinamentos ministrados , Instituto de Ciências Biomédicas, Departamento de Histologia e Embriologia.,Treinamentos ministrados, ORIENTAÇÃO DE ALUNOS E ESTAGIÁRIOS

    • 01/1994

      Ensino, Fonoaudiologia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, COORDENADORA DO CURSO PCI BASES MORFOLÓGICAS DOS SISTEMAS SENSORIAIS, desde 1994, PROGRAMA CURRICULAR INTERDEPARTAMENTAL (PCI) DE NEUROBIOLOGIA, DESDE 1994, PROGRAMA CURRICULAR INTERDEPARTAMENTAL (PCI)BASES MORFOLÓGICAS DE SISTEMAS SENSORIAIS, DESDE 1994

    • 01/1994

      Ensino, Fonoaudiologia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Histologia e Embriologia

    • 01/1992

      Ensino, MEDICINA, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, COORDENADOR DE CONFERÊNCIAS DO PCI DE SISTEMAS NERVOSO EM 1994, HISTOLOGIA (CURSO DE MEDICINA - M1 PRIMEIRO SEMESTRE/UFRJ) 1992,2012, 2013 e 2014, HISTOLOGIA E EMBRIOLOGIA E HISTOLOGIA - CURSO DE MEDICINA (PCI DE SISTEMA NERVOSO/UFRJ) desde 1993, HISTOLOGIA -CURSO DE MEDICINA (PCI SISTEMA ENDÓCRINO E REPRODUTOR/UFRJ) 2004, 2012,2013,2014

    • 01/1979

      Serviços técnicos especializados , Jornais, Revistas , Blogs, .,Serviço realizado, TEXTO PARA ADUFRJ, UFRJ; TEXTO PARA SITE PORTAL DE ONCOLOGIA; TEXTO PARA JORNAL GLOBO (2); TEXTO PARA REVISTA ELETRONICA ICB; TEXTO DA FOLHA DO BAIRRO, RJ; TEXTOS PARA BLOGS E SITES.

    • 01/1994

      Outras atividades técnico-científicas , Centro de Ciências da Saúde, Centro de Ciências da Saúde.,Atividade realizada, COORDENADORA DA DISICIPLINA EMBRIOLOGIA GERAL DE 1997 A 2009.

    • 01/2013

      Ensino, Programa de Pós-Graduação em Ciências Morfológicas, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, TÓPICOS AVANÇADOS EM BIOLOGIA TECIDUAL - Prof. Colaborador

    • 01/1993

      Outras atividades técnico-científicas , Universidade Federal do Rio de Janeiro, Universidade Federal do Rio de Janeiro.,Atividade realizada, PROF.AVALIADOR- MONOGRAFIA DE BACHARELADO EM ZOOLOGIA DE LIDIA MÁRCIA S.SANTOS/UFRJ,1993.

    • 01/1994

      Outras atividades técnico-científicas , Centro de Ciências da Saúde, Centro de Ciências da Saúde.,Atividade realizada, AVALIADOR: II JORNADA INTERNA DE ANATOMIA PARA EDUCAÇÃO FÍSICA, 1999.

    • 01/1994

      Outras atividades técnico-científicas , Universidade Federal do Rio de Janeiro, Universidade Federal do Rio de Janeiro.,Atividade realizada, MEMBRO DA COMISSÃO JULGADORA - CONCURSO PÚBLICO PARA PROF. SUBSTITUTO, 1994.

    • 01/1994

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Depto de Histologia e Embriologia - ICB, .,Cargo ou função, MEMBRO DA COMISSÃO DE ACOMPANHAMENTO DE DOCENTES,1996.

    • 01/2011

      Serviços técnicos especializados , Editoras de Livros, .,Serviço realizado, AUTORA DO LIVRO EMBRIOLOGIA E HISTOLOGIA EM FONOAUDIOLOGIA (REVISADA E AMPLIADA), 2ª ED. EDITORA GEN/GUANABARA KOOGAN,.

    • 01/2011

      Extensão universitária , Universidade Federal do Rio de Janeiro, .,Atividade de extensão realizada, ENCONTRO DO CURSO DE EXTENSÃO EM ENSINO A DISTÂNCIA - TUTORIA (CEDERJ),2011.

    • 01/2007

      Serviços técnicos especializados , Editoras de Livros, .,Serviço realizado, PARECER TÉCNICO - LIVRO DE GRADUAÇÃO - NEUROCIENCIAS (NOTTE,J)2009; PARECER TÉCNICO - LIVRO DE GRADUAÇÃO - EMBRIOLOGIA BÁSICA 7 (MOORE,K) (ED.2008), 2009; PARECER TÉCNICO- LIVRO DE GRADUAÇÃO - FISIOLOGIA DINÂMICA (SINGI,G), 2008; PARECER TÉCNICO - LIVRO DE GRADUAÇÃO - HISTOLOGIA CONCEITOS BÁSICOS DOS TECIDOS ( GITIRAN,L), 2007.

    • 01/1997

      Ensino, Ciências Biológicas, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Embriologia Geral

    • 01/1997

      Extensão universitária , Depto de Histologia e Embriologia - ICB, .,Atividade de extensão realizada, PROJETO REGISTRADO NA SR-5-EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA: JORNADA DE EMBRIOLOGIA, oferecida de 1997 a 2009 ao INST. DE BIOLOGIA/UFRJ.

    • 01/1992

      Ensino, Ciências Biológicas, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, EMBRIOLOGIA GERAL - CURSO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS DO INST. DE BIOLOGIA/UFRJ)

    • 01/2003

      Serviços técnicos especializados , Editoras de Livros, .,Serviço realizado, PARECER TÉCNICO- LIVRO PARA GRADUAÇÃO- P/ ELSEVIER EDITORA LTDA - NEUROCIENCIAS FUNDAMENTAL ? PARA APLICAÇÕES BASICAS E CLINICAS (DUANE E. HAINES). TRAD. DA 3A ED. FUND. NEUROSCIENCES FOR BASIC AND CLINICA,2006; PARECER TÉCNICO-LIVRO DE GRADUAÇÃO-P/ELSEVIER EDITORA LTDA-NEUROCIÊNCIAS FUNDAMENTOS PARA A REABILITAÇÃO (LUNDY-EKMAN) 1ª ED.TRADUZIDA DA 2ª ED. AMERICANA, 2004; PARECER TÉCNICO-LIVRO DE GRADUAÇÃO - HUMAN MOLECULAR BIOLOGY (EPSTEIN, RJ), 2004; PARECER TÉCNICO-LIVRO DE GRADUAÇÃO- EMBRIOLOGIE (ROHEN,L),2003; PARECER TÉCNICO-LIVRO DE GRADUAÇÃO - ATLAS OF EMBRYOLOGIE (KAPELLER,L), 2003.

    • 01/1998

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Depto de Histologia e Embriologia - ICB, .,Cargo ou função, CONSULTORIA CIENTÍFICA:PROJ.DE CRIAÇÃO DO CENTRO MODELO P/ATENDIMENTO A PORTADORES DE ALZHEIMER E OUTRAS DEMÊNCIAS-NUCLEO DE ASSIT.SOCIAL E COMUNITÁRIA,CENTRO MODELO P/DESENVOLVIMENTO DE PESQUISA NA DE CUIDADORES,SAO PAULO,SECRET.DE SAÚDE, 1998.

    • 01/2003

      Outras atividades técnico-científicas , Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Universidade do Estado do Rio de Janeiro.,Atividade realizada, MEMBRO DA BANCA EXAMINADORA - TESE DE MESTRADO EM MORFOLOGIA, UERJ.

    • 01/2002

      Serviços técnicos especializados , Depto de Histologia e Embriologia - ICB, .,Serviço realizado, AUTORA DO LIVRO EMBRIOLOGIA E HISTOLOGIA FONOAUDIOLÓGICA. 1ª ED. GUANABARA KOOGAN, RIO DE JANEIRO; PARECER EM PROJETO EM EDUCAÇÃO E SAÚDE PARA O DESENVOLVIMENTO HUMANO, DA PROF. MARIA DO CARMO CIAVAGLIA.

    • 01/2002

      Outras atividades técnico-científicas , Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Universidade do Estado do Rio de Janeiro.,Atividade realizada, MEMBRO DA BANCA EXAMINADORA - TESE DE MESTRADO EM MORFOLOGIA, UERJ,.

    • 01/2000

      Ensino, FARMACIA, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, EMBRIOLOGIA

    • 01/2000

      Outras atividades técnico-científicas , Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Universidade do Estado do Rio de Janeiro.,Atividade realizada, MEMBRO DA BANCA EXAMINADORA - TESE DE MESTRADO EM MORFOLOGIA, UERJ.

    • 01/1998

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Ciências da Saúde, .,Cargo ou função, MEMBRO DA COMISSÃO PARA CONSTRUÇÃO DO BIOTÉRIO CENTRAL DO CCS.

    • 01/1999

      Ensino, Ciências Biológicas: Modalidade Médica, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, HISTOLOGIA E EMBRIOLOGIA NA DISCIPLINA INTERAÇÃO CELULAR, PROFA AVALIADORA NA PRIMEIRA AMOSTRA DA VISÃO EM EMBRIOLOGIA PARA FARMÁCIA

    • 01/1999

      Outras atividades técnico-científicas , Instituto de Ciências Biomédicas, Instituto de Ciências Biomédicas.,Atividade realizada, EXAMINADORA SUPLENTE EM CONCURSO PUBLICO PARA PROFESSOR ASSISTENTE.

    • 01/1997

      Direção e administração, Instituto de Ciências Biomédicas, Departamento de Histologia e Embriologia.,Cargo ou função, CHEFE SUBSTITUTA DO DEPTO DE HISTOLOGIA E EMBRIOLOGIA, CCS, UFRJ, 1998 (Periodo parcial).

    • 01/1998

      Outras atividades técnico-científicas , Instituto de Ciências Biomédicas, Instituto de Ciências Biomédicas.,Atividade realizada, MEMBRO DA BANCA EXAMINADORA - TESE DE MESTRADO EM CIÊNCIAS MORFOLÓGICAS.

    • 01/1997

      Outras atividades técnico-científicas , Instituto de Ciências Biomédicas, Instituto de Ciências Biomédicas.,Atividade realizada, AVALIADORA NO CONCURSO PARA PROF. AUXILIAR , DEPTO DE HISTOLOGIA E EMBRIOLOGIA E BIOLOGIA CELULAR, UFRJ.

    • 01/1995

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Ciências da Saúde, .,Cargo ou função, MEMBRO DA COMISSÃO DE ACOMPANHAMENTO DE DOCENTES, DEPTO DE HISTOLOGIA , EMBRIOLOGIA E BIOLOGIA CELULAR, UFRJ.

    • 01/1996

      Ensino, Monitoria em Histologia e Embriologia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, HISTOLOGIA E EMBRIOLOGIA PARA MONITORES

    • 01/1996

      Ensino, MEDICINA, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, COORDENADORA DE PROVAS NO PCI DE SISTEMA NERVOSO

    • 01/1993

      Ensino, PSICOLOGIA, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, HISTOLOGIA e EMBRIOLOGIA

    • 01/1995

      Ensino, PROGRAMA DE POS´GRADUAÇÃO EM CIENCIAS MORFOLOGICAS, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, CURSO DE ULTRAESTRUTURA DO TECIDO NERVOSO - BMM 705

    • 01/1995

      Ensino, ODONTOLOGIA, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, HISTOLOGIA

    • 01/1995

      Ensino, Ciências Biológicas: Modalidade Médica, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, HISTOLOGIA E EMBRIOLOGIA

    • 01/1995

      Outras atividades técnico-científicas , Instituto de Ciencias Biomedicas, Instituto de Ciencias Biomedicas.,Atividade realizada, COORDENADORA GERAL DO PCI DE SISTEMA NERVOSO.

    • 01/1994

      Ensino, Monitoria em Histologia e Embriologia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, HISTOLOGIA E EMBRIOLOGIA PARA MONITORES, DEPTO DE HISTOLOGIA E EMBRIOLOGIA E BIOLOGIA CELULAR/UFRJ, COORDENADORA DE CONFERÊNCIAS DO PCI DE SISTEMA NERVOSO, UFRJ

    • 01/1994

      Ensino, PAN -Programa Avançado de Neurociencias, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, CURSO DE SINAPTOGÊNESE

    • 01/1987

      Pesquisa e desenvolvimento , Instituto de Biofísica Carlos Chagas Filho (IBCCF/UFRJ), .,Linhas de pesquisa

    • 01/1992

      Outras atividades técnico-científicas , Sociedade Pestalozzi-Rio de Janeiro, Sociedade Pestalozzi-Rio de Janeiro.,Atividade realizada, MEMBRO DA COMISSÃO JULGADORA- CONCURSO PUBLICO PARA DOCENTE-DISC.FUNDAMENTOS BIOLÓGICOS E HISTOLOGIA, ESCOLA SUPERIOR HELENA ANTIPOFF,SOCIEDADE PESTALOZZI,RJ.

  • 1985 - 1986

    Universidade do Estado do Rio de Janeiro

    Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor Assistente, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.

    Atividades

    • 01/1985 - 12/1986

      Ensino, MEDICINA, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, HISTOLOGIA E EMBRIOLOGIA

  • 1984 - 1987

    Comissão de Ensino Superior do Grande Rio

    Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Docente Avaliador, Carga horária: 5

    Outras informações:
    Avaliadora de Concursos Vestibulares

    Atividades

    • 01/1984 - 01/1987

      Serviços técnicos especializados , Estadual, Governo do Estado do Rio de Janeiro.,Serviço realizado, Professora Avaliadora de Concurso Vestibular Unificado.

  • 1989 - 1990

    Escola de Ensino Superior Helena Antipoff da Sociedade Pestalozzi

    Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor assistente, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Nos cursos de Fisioterapia e de Fonoaudiologia

    Atividades

    • 01/1989 - 12/1990

      Ensino, Fisioterapia e Terapia ocupacional, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, EMBRIOLOGIA, HISTOLOGIA, CITOLOGIA

  • 1986 - 1991

    Governo do Estado do Rio de Janeiro

    Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor de Ensino Médio, Carga horária: 20

    Outras informações:
    Professora nas Disciplinas de Biologia e Programa de Saude para o Ensino Médio

    Atividades

    • 01/1986 - 12/1991

      Serviços técnicos especializados , Secretaria de Educação, Magistério de Segundo Grau.,Serviço realizado, Professora nas Dsciplinas de Biologia e Programa de Saude para o Ensino Médio.