Ricardo Hallak

Bacharel em Meteorologia pela Universidade de São Paulo (1994). Mestre (2000) e Doutor (2007) em Meteorologia pela Universidade de São Paulo. Professor Doutor RDIDP na Universidade de São Paulo, onde ministra aulas para os níveis de graduação e pós-graduação com ênfase em Dinâmica e Sinótica da Atmosfera, Meteorologia Física e Meteorologia de Mesoescala. Desenvolve pesquisas nas áreas de Meteorologia de Mesoescala, Modelagem Numérica da Atmosfera e Desenvolvimento de Softwares Científicos Aplicados à Meteorologia. Modelagem Numérica de Sistemas Convectivos e Tempestades Severas, bem como Assimilação de Dados convencionais e obtidos por sensoriamento remoto da atmosfera em Modelos Regionais são focos atuais de interesse.

Informações coletadas do Lattes em 04/06/2019

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em Meteorologia

2002 - 2007

Universidade de São Paulo
Título: Simulações Numéricas de Tempestades Severas na RMSP
Augusto José Pereira Filho. Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil. Palavras-chave: Meteorologia de Mesoescala; Tempestades Severas; Convecção profunda; Dinâmica da Atmosfera; Física da Atmosfera; Modelagem numérica da atmosfera. Grande área: Ciências Exatas e da TerraGrande Área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Meteorologia / Especialidade: Meteorologia de Mesoescala. Grande Área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Meteorologia / Especialidade: Meteorologia Dinâmica. Setores de atividade: Previsão do Tempo e Prospecção Climática.

Mestrado em Meteorologia

1998 - 2000

Universidade de São Paulo
Título: Aspectos Dinâmicos e Simulação Numérica da Formação e Evolução de um Vórtice de Ar Frio,Ano de Obtenção: 2000
Maria Assunção Faus da Silva Dias.Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil. Palavras-chave: Modelagem numérica da atmosfera; Meteorologia de Mesoescala; Dinâmica da Atmosfera; Física da Atmosfera; Diagnóstico da Atmosfera: Coordenadas Isentrópicas; Diagnóstico da Atmosfera: Coordenadas Isobáricas. Grande área: Ciências Exatas e da TerraGrande Área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Meteorologia / Especialidade: Modelagem Numérica da Atmosfera. Grande Área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Meteorologia / Especialidade: Meteorologia Dinâmica. Setores de atividade: Previsão do Tempo e Prospecção Climática.

Graduação em Bacharelado Em Meteorologia

1987 - 1994

Universidade de São Paulo
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Pós-doutorado

2011 - 2013

Pós-Doutorado. , Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas, IAG, Brasil. , Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. , Grande área: Ciências Exatas e da Terra, Grande Área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Meteorologia / Especialidade: Meteorologia de Mesoescala. , Grande Área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Meteorologia / Especialidade: Sensoriamento Remoto da Atmosfera.

2008 - 2010

Pós-Doutorado. , Universidade de São Paulo, USP, Brasil. , Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil. , Grande área: Ciências Exatas e da Terra, Grande Área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Meteorologia / Especialidade: Meteorologia de Mesoescala. , Grande Área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Meteorologia / Especialidade: Meteorologia Física.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2013 - 2013

Básico de Meteorologia por Satélite. (Carga horária: 12h). , Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais, INPE, Brasil.

2013 - 2013

Interpretação de Imagens de Satélite. (Carga horária: 40h). , Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais, INPE, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Espanhol

Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.

Português

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Meteorologia/Especialidade: Meteorologia de Mesoescala.

    Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Meteorologia/Especialidade: Modelagem Numérica da Atmosfera.

    Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Meteorologia/Especialidade: Meteorologia Física.

    Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Meteorologia/Especialidade: Tempestades.

    Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Meteorologia/Especialidade: Meteorologia Dinâmica.

    Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Meteorologia/Especialidade: Sensoriamento Remoto da Atmosfera.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

74a Semana Oficial da Engenharia e da Agronomia. 2017. (Encontro).

I Encontro de Meteorologia do Estado de Santa Catarina.A Profissão de Meteorologista - Parâmetros de Fiscalização em São Paulo. 2017. (Encontro).

XIX Congresso Brasileiro de Meteorologia. Evidência de esteira transportadora quente e úmida no jato de baixos níveis da AS: Análises isobáricas e isentrópícas. 2016. (Congresso).

XVIII Congresso Brasileiro de Meteorologia. Trajetórias tridimensionais de parcelas de ar em situações pré- frontal e frontal na Região Sudeste brasileira - Parte II: análise de variáveis termodinâmicas.. 2014. (Congresso).

13o Congresso Barsileiro de Geologia e Engenharia Ambiental. São Paulo. MODELAGEM NUMÉRICA DA CONVECÇÃO LOCAL APLICADA À PREVENÇÃO DE DESASTRES NATURAIS ASSOCIADOS À PRECIPITAÇÃO NA REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO. 2011. (Congresso).

Workshop: Mudanças Climáticas, Desastres Naturais e Previsão de Risco.Uso e Operação do Radar MXPOL na Universidade de São Paulo. 2011. (Seminário).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

Aluno: Gabriela Salles Tsay

MARTINS, J. A.HALLAK, R.; PRATES, K. V. M. C.. Composição microbiológica cultivável do granizo de uma tempestade no sudoeste do Paraná. 2017. Dissertação (Mestrado em Engenharia Ambiental) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná.

Aluno: Vitor Silva Lope

HALLAK, R.; ANABOR, V.; OYAMA, M. D.. Análise diagnóstica e modelagem numérica de mesoescala de uma linha de instabilidade amazônica. 2017. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Meteorologia) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

Aluno: Leandro do Nascimento Rocha

HALLAK, R.; CALVETTI, Leonardo; GOZZO, L. F.. Estudo de caso de sting jet num ciclone extratropical do tipo Shapiro-Keyser no Atlântico Sul. 2017. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Meteorologia) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

Aluno: Rafael Cesario de Abreu

HALLAK, R.; NASCIMENTO, E. L.; HERDIES, D. L.. Análise de mesoescala de um evento convectivo em São Paulo e da assimilação de dados em simulações com o modelo WRF. 2016. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Meteorologia) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

Aluno: Felipe Vemado

PEREIRA FILHO, Augusto JoséHALLAK, R.; OLIVEIRA, A. P.; KARAM, Hugo; FERREIRA, N. J.. Dinâmica das tempestades sobre o Lago Vitória, África. 2018. Tese (Doutorado em Meteorologia) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

Aluno: Jose Luis Flores Rojas

Pereira Filho, Augusto J.; Fisch, G.; KARAN, H. A.; SOARES, J.;HALLAK, R.. Modelagem da camada limite planetária urbana com o sistema ARPS-tTEB. 2017. Tese (Doutorado em Meteorologia) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

Aluno: Isidro Metodio Tuleni Johanes Ihadua

PEREIRA FILHO, Augusto JoséSILVA DIAS, M. A. F.HALLAK, R.; MORALES, C. A.. Análise microfísica de sistemas precipitantes no leste de São Paulo por meio de radares meteorológicos polarimétricos. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Meteorologia) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

Aluno: Janet Valdés Tito

OLIVEIRA, A. P.; ROCHA, H. R.;HALLAK, R.; LANDULFO, E.. INVESTIGAÇÃO DA CAMADA LIMITE PLANETÁRIA NA REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO USANDO O MODELO LES. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Meteorologia) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

Aluno: Amanda Rehbein

AMBRIZZI, T.;HALLAK, R.; CAMARGO, R.; ROCHA, R. P.. Sistemas convectivos de mesoescala sobre a bacia Amazônica: clima presente e projeções futuras em cenário de mudanças climáticas. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Meteorologia) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

Aluno: Julio Cesar Morais

RAUPP, C. F. M.;SILVA DIAS, P. L.; AMBRIZZI, T.;HALLAK, R.. Interações Multi-Escala, Variabilidade de Baixa-Frequência e o Aquecimento Global.. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Meteorologia) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

Aluno: Luana Ribeiro Macedo

FREITAS, E. D.SILVA DIAS, P. L.HALLAK, R.; ROCHA, H. R.. Efeitos da urbanização nas circulações atmosféricas observadas na RMSP. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Meteorologia) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Luana Ribeiro Macedo

FREITAS, E. D.; DIAS, Pedro Leite da Silva;HALLAK, R.; ROCHA, H. R.. Efeitos da urbanização nos fenômenos atmosféricos atuantes na RMSP.. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Meteorologia) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

Aluno: André Seiji Wakate Teruya

SILVA DIAS, P. L.; AMBRIZZI, T.;Hallak, Ricardo; RAUPP, C. F. M.. Interações multi-escala em modelos não hidrostáticos. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Meteorologia) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

Aluno: Rubinei Dorneles Machado

HALLAK, R.; AMBRIZZI, T.;FREITAS, E. D.; CAMARGO, R.. CARACTERIZAÇÃO E MODELAGEM DE ZONAS DE ESTAGNAÇÃO DE VENTO DO NORDESTE BRASILEIRO EM ESCALA TEMPORAL E HORIZONTAL. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Meteorologia) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

Aluno: João Augusto Hackerott

CAMARGO, R.; OLIVEIRA, A. P.; YNOUE, R. Y.;HALLAK, R.. Estudo das mudanças do vento próximo à superfície causadas por variações em mesoescala da TSM. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Meteorologia) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

Aluno: Natália Pillar da Silva

CAMARGO, R.;SILVA DIAS, M. A. F.FREITAS, E. D.HALLAK, R.. Análise Observacional e Numérica dos Mecanismos Acoplados Associados à ZCAS. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Meteorologia) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

Aluno: Thomas Christina Marcel Martin

ROCHA, H. R.;Freitas, Edmilson D.SILVA DIAS, M. A. F.HALLAK, R.. Upscalling biophysical land surface processes with field measurements and model simulations: a case study for the region of the Cantareira water reservoir system.. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Meteorologia) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

Aluno: Felipe Vemado

OLIVEIRA, A. P.; CAMARGO, R.;HALLAK, R.. Dinâmica das Tempestades Sobre o Lago Vitória na África. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Meteorologia) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

Aluno: Jose Luis Flores Rojas

SILVA DIAS, M. A. F.; OLIVEIRA, A. P.;HALLAK, R.. Modelagem da CLP urbana com T-TEB/ARPS e seu impacto na previsão de tempestades na RMSP. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Doutorado em Ciências) - Departamento de Ciências Atmosféricas.

Aluno: Aliton Oliveria da Silva

PEREIRA FILHO, Augusto José; Gonçalves, Fabio Luiz T.; CAMARGO, R.;Hallak, Ricardo. Detecção e previsão de visibilidade no Brasil. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Meteorologia) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

Aluno: Paulo Eduardo Plana Junior

HALLAK, R.; ROCHA, H. R.; YNOUE, R. Y.. O Jato de Baixos Níveis da América do Sul em eventos ZCAS na Bacia Hidrográfica do Rio Paraná: diagnóstico e simulações em escala de nuvens com WRF. 2019. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado em Meteorologia) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

Aluno: Katherine Lisbeth Ccoica Lopez

HALLAK, R.SILVA DIAS, P. L.; AMBRIZZI, T.. Variabilidade do transporte de umidade e sua influência nos eventos extremos de precipitação na Bacia Amazômica. 2019. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado em Meteorologia) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

Aluno: Carolina Bitencour Bernardes

ROCHA, H. R.;FREITAS, E. D.HALLAK, R.. Estimativa da vazão hidrológica da Serra da Mantiqueira com projeções de mudanças climáticas. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado em Meteorologia) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

Aluno: Luís Felipe Massarico Cardoso

CAMARGO, R.; ROCHA, R. P.;HALLAK, R.. Gelo Marinho Antártico: Mecanismos Dinâmicos e Termodinâmicos que Regem sua Formação e Evolução. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado em Meteorologia) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

Aluno: Eduardo Fernandes Henriques

ROCHA, H. R.;PEREIRA FILHO, Augusto JoséHALLAK, R.. Padrões Hidroclimatológicos em Bacias Médias de São mPaulo. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado em Meteorologia) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

Aluno: Franco Cassol

HALLAK, R.; RAUPP, C. F. M.;FREITAS, E. D.. Características do Jato de Baixos Níveis da América do Sul e sua influência na evolução de uma banda de precipitação frontal de mesoescala observada na Região da Bacia Hidrográfica do Rio Paraná. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado em Meteorologia) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

Aluno: João Luiz Martins Basso

HALLAK, R.SILVA DIAS, M. A. F.; IFANGER, R.. Análise e modelagem microfísica de convecção profunda Amazônia. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado em Ciências) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

Aluno: Lucas Rodrigues Kawasaki

PEREIRA FILHO, Augusto José; MORALES, C. A.;HALLAK, R.. Estimativa e previsão de curtíssimo prazo da precipitação no experimento TOMACS,Japão. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Meteorologia) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Raidiel Pluig Beltrán

IFANGER, R.; MORALES, C. A.;HALLAK, R.. Características da precipitação e atividade elétrica de tempestades severas na Região Metropolitana de São Paulo. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado em Ciências) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

Aluno: Vannia Jaqueline Aliaga Nestares

ROCHA, R. P.; RAUPP, C. F. M.;HALLAK, R.. Energética de Lorenz aplicada às linhas de instabilidade no nordeste da América do Sul e sua relação com a propagação sobre a Amazônia. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado em Ciências) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

Aluno: Leandro do Nascimento Rocha

HALLAK, R.; ROCHA, R. P.;FREITAS, E. D.. Estudo de caso de Sting Jet num ciclone extratropical do tipo Shapito-Keyser no Atlântico Sul. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado em Ciências) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

Aluno: Vítor Silva Lopes

HALLAK, R.FREITAS, E. D.PEREIRA FILHO, Augusto José. Análise física de erros em simulações numéricas de Linhas de Instabilidade sobre a Região Amazônica. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado em Ciências) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

Aluno: Rafael Cesario de Abreu

HALLAK, R.; CAMARGO, R.;FREITAS, E. D.. Análise diagnóstica e modelo conceitual de um sistema de precipitação intensa na faixa leste de São Paulo. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado em Ciências) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

Aluno: Miriam Mathias Gigi

ROCHA, H. R.;PEREIRA FILHO, Augusto JoséHALLAK, R.. Variabilidade hidroclimática em escala de microbacia: estudo de caso na região da Cantareira. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado em Ciências) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

Aluno: Paulo Mauricio Moura de Souza

MORALES, A. C.; IFANGER, R.;HALLAK, R.. Características 3D das tempestades elétricas na região de Manaus. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado em Ciências) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

Aluno: Rodrigo Yamamoto

ROCHA, R. P.; OLIVEIRA, A. P.;HALLAK, R.. Investigando sistemas de convecção de mesoescala organizados na Amazônia através de experimentos numéricos de sensibilidade. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado em Ciências) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

Aluno: Sergio Daniel Méndez Gaona

PEREIRA FILHO, Augusto José; AMBRIZZI, T.;HALLAK, R.. Caracterização de complexos convectivos na bacia do La Plata. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Meteorologia) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Elisa Glitzenhirn

CAMARGO, R.; ROCHA, R. P.;Hallak, Ricardo. Relevância do acoplamento oceano-atmosfera no caso do furacão Catarina. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado em Ciências) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

Aluno: Mayara Oliveira dos Santos

YNOUE, R. Y.; MORALES, A. C.;HALLAK, R.. Estimativa de descargas elétricas através de simulações numéricas com o WRF. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Meteorologia) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Carine Malagolini Gama

HALLAK, R.PEREIRA FILHO, Augusto José; RAFEE, S. A. A.. Análise da variabilidade espaço-temporal de precipitação média na área do radar meteorológico de São Paulo entre 2004 e 2013. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Meteorologia) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

Aluno: Isabela Christina Siqueira

HALLAK, R.; IFANGER, R.;FREITAS, E. D.. Modelagem de eventos severos sobre a região metropolitana de São Paulo. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Meteorologia) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

Aluno: Lucas Augusto Soares

HALLAK, R.; CAMARGO, R.;FREITAS, E. D.. Condições hídricas no Estado de São Paulo e possíveis impactos sobre a produção de cana de acúcar. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Meteorologia) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

Aluno: Leonardo S

PEREIRA FILHO, Augusto José; OLIVEIRA, A. P.;HALLAK, R.. Gilly.Análise comparativa de fluxos de calor e massa medidos no Parque Cientec/USP com os simulados pelo modelo ARPS. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Atmosféricas) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

Aluno: Marcos Lourenço Pereira

CAMARGO, R.;HALLAK, R.; ROCHA, R. P.. Ciclones extratropicais no Oeste do Atlântico Sul: clima atual e futuro. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Meteorologia) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

LENTINI, C. A. D.;Hallak, Ricardo; Assireu, T. A.; FERREIRA, A. G.; QUADRO, M. F. L.. Tecnologista Júnior Padrão I da carreira de Desenvolvimento Tecnológico (CPTEC/INPE). 2014. Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais.

PEREIRA FILHO, Augusto José; DIAS, M. P.; IDIART, T. E. P.;HALLAK, R.; PEREZ, P. R. V.; SILVA, S. R. E.. Concurso público para a Categoria de Técnico de Laboratório. 2013. Universidade de São Paulo.

AMBRIZZI, T.;HALLAK, R.; YNOUE, R. Y.. Propagação de ondas de Rossby atmosféricas e a Zona de Convergência do Atlântico Sul. 2018. Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

HALLAK, R.; IFANGER, R.;PEREIRA FILHO, Augusto José. Estimativa de precipitação com o satélite GOES-16 e Redes Neurais Artificiais. 2018. Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

Hallak, Ricardo. Projetos de Pesquisa de IC (PIBIC/PIBITI/PIBIC-Af) da Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC. 2017. Universidade do Estado de Santa Catarina.

IFANGER, R.;FREITAS, E. D.; MORALES, C. A.;HALLAK, R.. Estudo do impacto de parametrizações microfísicas na simulação da atividade elétrica nas tempestades. 2017. Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

HALLAK, R.. Avaliação de Projetos de Iniciação Científica PIBIC da UDESC de Santa Catarina. 2017. Universidade do Estado de Santa Catarina.

PEREIRA FILHO, Augusto JoséSILVA DIAS, M. A. F.HALLAK, R.. Análise de microfísica de sistemas precipitantes no leste de São Paulo por meio de radares meteorológicos polarimétricos. 2016. Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

HALLAK, R.; IFANGER, R.; AMBRIZZI, T.. Sistemas convectivos de mesoescala sobre a Bacia Amazônica: clima presente e projeções futuras em cenário de mudanças climáticas. 2016. Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

FREITAS, E. D.; CAMARGO, R.;HALLAK, R.. Efeitos da urbanização nas circulações atmosféricas observadas na RMSP. 2015. Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

ROCHA, R. P.; YNOUE, R. Y.;Hallak, Ricardo. Ciclogêneses em superfície associadas a anomalias de vorticidade potencial em altos níveis na América do Sul: análise de baixas desprendidas e simulações numéricas. 2015. Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

ROCHA, R. P.; AMBRIZZI, T.;HALLAK, R.. Ciclones subtropicais e extratropicais sobre o Ocea no Atlântico Sul: uma visão numérica da climatologia presente, futura e mecanismos de forma ção. 2015. Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas.

HALLAK, R.. 4o.Simpósio Aprender com Cultura e Extensão. 2014. Universidade de São Paulo.

HALLAK, R.. Edital Jovens Pesquisadores 2011 da Universidade Federal Fluminense. 2011. Universidade Federal Fluminense.

HALLAK, R.. 18o. Simpósio Internacional de Iniciação Científica da USP. 2010. Universidade de São Paulo.

HALLAK, R.. XXX Jornada Giulio Massarani de Iniciação Científica, Artística e Cultural da UFRJ. 2008. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

HALLAK, R.. XV Congresso Brasileiro de Meteorologia CBMET - A Meteorologia e as Cidades. 2008. Sociedade Brasileira de Meteorologia.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Edmilson Dias de Freitas

PEREIRA FILHO, A. J.;FREITAS, E. D.SILVA DIAS, M. A. F.; NOBRE, C. A.; HAAS, R.. Simulações Numéricas de Tempestades Severas na RMSP. 2007. Tese (Doutorado em Meteorologia) - Instituto de Astronomia Geofísica e Ciências Atmosféricas.

Augusto José Pereira Filho

PEREIRA FILHO, A. J.; C. Nobre;DIAS, M. A. F. S.; E. D. Freitas;HAAS, Reinaldo. Simulações numéricas de tempestades severas na RMSP. 2007. Tese (Doutorado em Meteorologia) - Instituto de Astronomia Geofísica e Ciências Atmosféricas.

Augusto José Pereira Filho

Pereira Filho, Augusto José. Estudo de Tempestades Severas na Bacia do Alto Tietê, São Paulo, por meio de Observações e Simulações de Altíssima Resolução com o Modelo ARPS. 2005. Exame de qualificação (Doutorando em Meteorologia) - Instituto de Astronomia Geofísica e Ciências Atmosféricas.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Orientou

Melissa Dias da Silva Oliveira

Estudo e simulação de eventos de granizo à superfície e sua relação com a estrutura física tridimensional de sistemas convectivos de mesoescala; Início: 2019; Dissertação (Mestrado em Mestrado em Meteorologia) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; (Orientador);

Paulo Eduardo Plana Junior

O Jato de Baixos Níveis da América do Sul em eventos ZCAS na Bacia Hidrográfica do Rio Paraná: diagnóstico e simulações em escala de nuvens com WRF; Início: 2018; Dissertação (Mestrado em Mestrado em Meteorologia) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; (Orientador);

Katherine Lisbeth Ccoica Lopez

INFLUÊNCIA DO CONTEÚDO DA ÁGUA PRECIPITÁVEL NOS EVENTOS DE CHUVA EXTREMA E DE SECA NA BACIA DO AMAZONAS; Início: 2018; Dissertação (Mestrado em Mestrado em Meteorologia) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; (Orientador);

Franco Cassol

Características do Jato de Baixos Níveis da América do Sul e sua influência na evolução de uma banda de precipitação frontal de mesoescala observada na Região da Bacia Hidrográfica do Rio Paraná; Início: 2017; Dissertação (Mestrado em Mestrado em Ciências) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; (Orientador);

Rafael Cesario de Abreu

O controle da urbanização na variabilidade de precipitação e temperatura na região da macrometrópole paulista; Início: 2018; Tese (Doutorado em Meteorologia) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; (Coorientador);

Rubinei Dorneles Machado

CARACTERIZAÇÃO E MODELAGEM DE ZONAS DE ESTAGNAÇÃO DE VENTO DO NORDESTE BRASILEIRO EM ESCALA TEMPORAL E HORIZONTAL; Início: 2016; Tese (Doutorado em Meteorologia) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; (Orientador);

Estella da Silva Jesus

Estudo da estrutura física tridimensional e previsibilidade de sistemas convectivos precipitantes em regiões da Bacia Hidrográfica do Rio Paraná; Início: 2018; Iniciação científica (Graduando em Meteorologia) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas, Reitoria da Universidade de São Paulo; (Orientador);

João Luiz Martins Basso

Microphysical Analysis and Modeling of Amazonic Deep Convection; 2018; Dissertação (Mestrado em Mestrado em Ciências) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Ricardo Hallak;

Leandro do Nascimento Rocha

Estudo de caso de sting jet num ciclone extratropical do tipo Shapiro-Keyser no Atlântico Sul; 2017; Dissertação (Mestrado em Meteorologia) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Ricardo Hallak;

Vítor Silva Lopes

Análise diagnóstica e modelagem numérica de mesoescala de uma linha de instabilidade amazônica; 2017; Dissertação (Mestrado em Meteorologia) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Ricardo Hallak;

Rafael Cesario de Abreu

Análise de mesoescala de um evento convectivo em São Paulo e da assimilação de dados em simulações com o modelo WRF; 2016; Dissertação (Mestrado em Mestrado em Ciências) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Ricardo Hallak;

Carine Malagolini Gama

Análise da variabilidade espaço-temporal de precipitação média na área do radar meteorológico de São Paulo entre 2004 e 2013; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Meteorologia) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas; Orientador: Ricardo Hallak;

Nathalia Grazieli Xavier de Aguiar

Estudo da estrutura tridimensional e da física de sistemas convectivos precipitantes na região do projeto temático SOS-CHUVA; 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências Atmosféricas) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas, Reitoria da Universidade de São Paulo; Orientador: Ricardo Hallak;

Helena de Godoy Casimiro

Estudo da estrutura tridimensional e da física de sistemas convectivos precipitantes na região do projeto temático SOS-CHUVA; 2017; Iniciação Científica - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas, Reitoria da Universidade de São Paulo; Orientador: Ricardo Hallak;

Marcele Pamela Santos Nunes

Portal Jovem Explorador do IAG/USP: O que é Meteorologia, Geofísica e Astronomia; 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Geofísica) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas, Reitoria da Universidade de São Paulo; Orientador: Ricardo Hallak;

Felipe Silva Rocha

Portal Jovem Explorador do IAG/USP: O que é Meteorologia, Geofísica e Astronomia; 2017; Iniciação Científica - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas, Reitoria da Universidade de São Paulo; Orientador: Ricardo Hallak;

Lucas de Paula Lima Batista

Portal Jovem Explorador do IAG/USP: O que é Meteorologia, Geofísica e Astronomia; 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Astrfonomia) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas, Reitoria da Universidade de São Paulo; Orientador: Ricardo Hallak;

Danielle Aparecida da Mota

Projeto MeteoTeens no IAG/USP: o que é Meteorologia; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Meteorologia) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas, Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária da USP; Orientador: Ricardo Hallak;

Júlia Bernardes Ogata

Projeto MeteoTeens no IAG/USP: o que é Meteorologia; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Meteorologia) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas, Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária da USP; Orientador: Ricardo Hallak;

Patrícia Silva de Oliveira

Projeto MeteoTeens no IAG/USP: o que é Meteorologia; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Bacharelado em Física) - Instituto de Física da USP, Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária da USP; Orientador: Ricardo Hallak;

Bruna Rattis Marques Prado

Projeto MeteoTeens no IAG/USP: o que é Meteorologia; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Meteorologia) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas, Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária da USP; Orientador: Ricardo Hallak;

Gabriel Fernando Canivel

Projeto MeteoTeens no IAG/USP: o que é Meteorologia; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências da Computação) - Instituto de Matemática da USP, Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária da USP; Orientador: Ricardo Hallak;

Geovanna Carolina Favilla Vidal Trigo Brandão

Projeto Portal Jovem Explorador no IAG/USP: O que é Meteorologia; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Meteorologia) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas, Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária da USP; Orientador: Ricardo Hallak;

Nicolas Nogueira Lopes da Silva

Projeto Portal Jovem Explorador no IAG/USP: O que é Meteorologia; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Graduação em Ciências da Computação) - Instituto de Matemática e Estatística da USP, Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária da USP; Orientador: Ricardo Hallak;

Paulo Henrique de Almeida Soares Pimenta

Projeto Portal Jovem Explorador no IAG/USP: O que é Meteorologia; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Meteorologia) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas, Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária da USP; Orientador: Ricardo Hallak;

Ariel Henrique Prado

PODCAST Estourando a Bolha: o que os cientistas pensam; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Geofísica) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas, Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária da USP; Orientador: Ricardo Hallak;

Pedro Lage Silva

PODCAST Estourando a Bolha: o que os cientistas pensam; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Geofísica) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas, Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária da USP; Orientador: Ricardo Hallak;

Jessé Stenico

ANÁLISE DA INTERAÇÃO ENTRE VARIADOS PERFIS VERTICAIS DA ESTRUTURA ATMOSFÉRICA E A INICIAÇÃO E DESENVOLVIMENTO DE CÉLULAS CONVECTIVAS ÚMIDAS E PROFUNDAS; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências Atmosféricas) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas, Reitoria da Universidade de São Paulo; Orientador: Ricardo Hallak;

Isaque Saes Lanfredi

ANÁLISE DA INTERAÇÃO ENTRE VARIADOS PERFIS VERTICAIS DA ESTRUTURA ATMOSFÉRICA E A INICIAÇÃO E DESENVOLVIMENTO DE CÉLULAS CONVECTIVAS ÚMIDAS E PROFUNDAS; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências Atmosféricas) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas; Orientador: Ricardo Hallak;

Leandro do Nascimento Rocha

Determinação de Modelos Conceituais de Sistemas Convectivos de Mesoescala Observados na Faixa Leste de São Paulo; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências Atmosféricas) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Ricardo Hallak;

Júlia Ferreira Nofoente

Desenvolvimento de scripts de cálculos científicos e visualização gráfica a partir de dados meteorológicos e do software Grid Analysis and Display System (GrADS); 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Meteorologia) - Universidade de São Paulo, Reitoria da Universidade de São Paulo; Orientador: Ricardo Hallak;

Matheus Manente Lopes Silva

DETERMINAÇÃO ESTATÍSTICA DO DESEMPENHO DE ÍNDICES DE INSTABILIDADE ATMOSFÉRICA NA PREVISÃO DE FENÔMENOS CONVECTIVOS DE MESOESCALA NA REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Meteorologia) - Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Ricardo Hallak;

Eveanne Olivo da Silveira

ANÁLISE DA INTERAÇÃO ENTRE VARIADOS PERFIS VERTICAIS DA ESTRUTURA ATMOSFÉRICA E A INICIAÇÃO E DESENVOLVIMENTO DE CÉLULAS CONVECTIVAS ÚMIDAS E PROFUNDAS; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Meteorologia) - Universidade de São Paulo, Reitoria da Universidade de São Paulo; Orientador: Ricardo Hallak;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Adilson Wagner Gandu

Simulações numéricas de tempestades severas na RMSP; 2007; Tese (Doutorado em Doutorado Em Meteorologia) - Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas - USP,; Coorientador: Adilson Wagner Gandu;

Maria Assuncao Faus da Silva Dias

Aspectos dinâmicos e simulação numérica da formação e evolução de um vórtice de ar frio; 2000; 0 f; Dissertação (Mestrado em Meteorologia) - Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Orientador: Maria Assuncao Faus da Silva Dias;

Augusto José Pereira Filho

Estudo de Tempestades Severas na Bacia do Alto Tietê, São Paulo, por meio de Observações e Simulações de Altíssima Resolução com o Modelo ARPS; 2010; 0 f; Tese (Doutorado em Meteorologia) - Instituto de Astronomia Geofísica e Ciências Atmosféricas, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Orientador: Augusto Jose Pereira Filho;

Augusto José Pereira Filho

ANÁLISE E PREVISÃO DETEMPESTADES POR RADAR, SATÉLITE EMODELAGEM NUMÉRICA; 2012; Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Augusto Jose Pereira Filho;

Augusto José Pereira Filho

2008; Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Augusto Jose Pereira Filho;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • Martins, Leila Droprinchinski ; Hallak, Ricardo ; ALVES, RAFAELA CRUZ ; DE ALMEIDA, DANIELA S. ; SQUIZZATO, RAFAELA ; MOREIRA, CAMILA A.B. ; BEAL, ALEXANDRA ; DA SILVA, IARA ; RUDKE, ANDERSON ; MARTINS, JORGE A. . Long-Range Transport of Aerosols from Biomass Burning over Southeastern of South America and their Implications on Air Quality. Aerosol and Air Quality Research , v. 1, p. 1-32, 2018.

  • Martins, Jorge A. ; BRAND, VERONIKA S. ; CAPUCIM, MAURICIO N. ; FELIX, RAFAEL R. ; MARTINS, LEILA D. ; FREITAS, E. D. ; GONÇALVES, FABIO L.T. ; HALLAK, R. ; DIAS, MARIA A. F. SILVA ; CECIL, DANIEL J. . Climatology of destructive hailstorms in Brazil. ATMOSPHERIC RESEARCH , v. 184, p. 126-138, 2017.

  • Hallak, Ricardo ; PEREIRA FILHO, Augusto José . Análise de desempenho de índices de instabilidade atmosférica na previsão de fenômenos convectivos de mesoescala na região metropolitana de São Paulo entre 28 de janeiro e 04 de fevereiro de 2004. Revista Brasileira de Meteorologia (Impresso) , v. 27, p. 173-206, 2012.

  • Hallak, Ricardo ; PEREIRA FILHO, Augusto José . Metodologia para análise de desempenho de simulações de sistemas convectivos na região metropolitana de São Paulo com o modelo ARPS: sensibilidade a variações com os esquemas de advecção e assimilação de dados. Revista Brasileira de Meteorologia (Impresso) , v. 26, p. 591-608, 2011.

  • MARTINS, J. A. ; HALLAK, R. ; Gonçalves, Fabio Luiz T. ; Freitas, Edmilson D. ; SILVA DIAS, M. A. F. . O papel das nuvens rasas no transporte de vapor d?água. Ciência e Natura , v. 1, p. 259-262, 2011.

  • Pereira Filho, Augusto J. ; Carbone, Richard E. ; Janowiak, John E. ; Arkin, Phillip ; Joyce, Robert ; Hallak, Ricardo ; Ramos, Camila G.M. . Satellite Rainfall Estimates Over South America - Possible Applicability to the Water Management of Large Watersheds. Journal of the American Water Resources Association , v. 46, p. 344-360, 2010.

  • Martins, Leila Droprinchinski ; Martins, Jorge A. ; Freitas, Edmilson D. ; Mazzoli, Caroline R. ; Gonçalves, Fabio Luiz T. ; Ynoue, Rita Y. ; HALLAK, R. ; Albuquerque, Taciana Toledo A. ; Andrade, Maria de Fatima . Potential health impact of ultrafine particles under clean and polluted urban atmospheric conditions: a model-based study. Air Quality, Atmosphere and Health , p. 2, 2009.

  • SILVA, Fabrício Daniel dos Santos ; PEREIRA FILHO, Augusto José ; Hallak, Ricardo . Classificação de sistemas meteorológicos e comparação da precipitação estimada pelo radar e medida pela rede telemétrica na bacia hidrográfica do alto Tietê. Revista Brasileira de Meteorologia (Impresso) , v. 24, p. 292-307, 2009.

  • PEREIRA FILHO, Augusto José ; MASSAMBANI, Oswaldo ; KARAN, H. A. ; HALLAK, R. ; HAAS, Reinaldo ; VEMADO, Felipe . SISTEMA DE PREVISÃO HIDROMETEOROLÓGICA PARA A BACIA DO ALTO TIETÊ.. Boletim da Sociedade Brasileira de Meteorologia , v. 32, p. 61-68, 2008.

  • MARTINS, J. A. ; MARTINS, L. D. ; FREITAS, E. D. ; MAZZOLI, C. R. ; HALLAK, R. ; ANDRADE, M. F. . Effects of size distributions from two distinct polluted environments on dry deposition of atmospheric aerosols.. Ciência e Natura , v. Especial, p. 221-224, 2007.

  • Freitas, Edmilson D. ; Martins, Leila Droprinchinski ; Mazzoli, Caroline R. ; Martins, Jorge A. ; HALLAK, R. ; ITIMURA, M. S. ; CARVALHO, V. S. B. ; DIAS, Pedro Leite da Silva ; ANDRADE, M. F. . Particulate Matter concentration forecast over the Metropolitan Área of São Paulo.. Ciência e Natura , v. Especial, p. 213-216, 2007.

  • HALLAK, R. ; SILVA DIAS, M. A. F. . Inverted Comma Cloud in a Conveyor Belt Framework: Case Study of 22 August 1989. Climanálise (São José dos Campos) , v. 1, p. 2, 1999.

  • GIN, R. B. B. ; HALLAK, R. ; MARTINS, R. G. . Atmospheric parameters and lightning flash activity: Case studies. In: 24th International Lightning Detection Conference & 6th International Lightning Meteorology Conference, 2016, San Diego - California. 24th International Lightning Detection Conference & 6th International Lightning Meteorology Conference, 2016.

  • MACHADO, R. D. ; HALLAK, R. ; CONSENTINO, A. ; COLLE, S. . A utilização da climatologia virtual na análise de carregamentos em linhas de transmissão: um estudo de caso comparando dados simulados contra medidos.. In: XXII Seminário Nacional de Produção e Transmissão de Energia Elétrica, 2013, Brasília. XXII Seminário Nacional de Produção e Transmissão de Energia Elétrica, 2013.

  • SILVA, E. D. ; RAIMUNDO, D. R. ; REBOITA, M. S. ; PRADO, Luciana Figueiredo ; Hallak, Ricardo . Climatologia Preliminar da Precipitação no Estado de Minas Gerais no Período de 1990 a 2009. In: XVII Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2012, Gramado, RS. Incertezas e Desafios para a Sustentabilidade Planetária: O Papel da Ciência Meteorológica, 2012.

  • Hallak, Ricardo ; PEREIRA FILHO, Augusto José . MODELAGEM NUMÉRICA DA CONVECÇÃO LOCAL APLICADA À PREVENÇÃO DE DESASTRES NATURAIS ASSOCIADOS À PRECIPITAÇÃO NA REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO.. In: XIII Congresso Barsileiro de Geologia e Engenharia Ambiental, 2011, São Paulo. O Crescimento Sustentável e a Geologia de Engenharia e Ambiental, 2011.

  • Pereira Filho, Augusto J. ; HALLAK, R. ; VEMADO, Felipe . Evaluation of a Hydrometeorological Forecast System for the Metropolitan Area of São Paulo. In: WMO Symposium on Nowcasting, 2009, Whistler, 2009, Toronto. WMO Symposium on Nowcasting, 2009.

  • PEREIRA FILHO, Augusto José ; MASSAMBANI, Oswaldo ; HALLAK, R. ; BENETI, César Augustus Assis . On the use of a mobile XPOL weather radar for flood warning.. In: International Symposium on Weather Radar and Hydrology, 2008, Grenoble. International Symposium on Weather Radar and Hydrology, 2008.

  • PRADO, Luciana Figueiredo ; PEREIRA FILHO, Augusto José ; LOBO, Gré de Araújo ; HALLAK, R. . Organização Espacial da Precipitação no Estado de São Paulo. In: XV Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2008, São Paulo - SP. A Meteorologia e a Cidade, 2008.

  • PEREIRA FILHO, Augusto José ; MASSAMBANI, Oswaldo ; HALLAK, R. ; BENETI, César Augustus Assis ; GIN, R. B. B. . MXPOL measurements of weather systems.. In: 33rd Conference on Radar Meteorology, 2007, Cairns. 33rd Conference on Radar Meteorology, 2007.

  • PRADO, Luciana Figueiredo ; PEREIRA FILHO, Augusto José ; LOBO, Gré de Araújo ; HALLAK, R. . Variabilidade espaço-temporal da precipitação no Estado de São Paulo e sua relação com ENOS entre 1947 e 1997.. In: XVII Simpósio Brasileiro de Recursos Hídricos, 2007, São Paulo. Gestão de Recursos Hídricos, Integração de Políticas e Sustentabilidade do Meio Ambiente Urbano, 2007.

  • HALLAK, R. ; PEREIRA FILHO, Augusto José ; GANDÚ, Adilson Wagner . SIMULAÇÃO NUMÉRICA DO CICLO DE VIDA DE UMA CÉLULA CONVECTIVA PROFUNDA E A PARAMETRIZAÇÃO DE MICROFÍSICA DE NUVENS DE LIN NO MODELO ARPS. In: XIV Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2006, Florianópolis - Santa Catarina. A Meteorologia a Serviço da Sociedade, 2006.

  • HALLAK, R. ; PEREIRA FILHO, Augusto José ; GANDÚ, Adilson Wagner . SIMULAÇÃO NUMÉRICA DE CÉLULAS CONVECTIVAS PROFUNDAS COM O MODELO ARPS EM ALTA RESOLUÇÃO ESPAÇO-TEMPORAL. In: XIV Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2006, Florianópolis - Santa Catarina. A Meteorologia a Serviço da Sociedade, 2006.

  • HALLAK, R. ; PEREIRA FILHO, Augusto José ; GANDÚ, Adilson Wagner . SIMULAÇÃO NUMÉRICA DE FRENTES DE BRISA E DE RAJADAS ASSOCIADAS A CÉLULAS CONVECTIVAS PROFUNDAS COM O MODELO ARPS EM ALTA RESOLUÇÃO ESPAÇO-TEMPORAL. In: XIV Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2006, Florianópolis - Santa Catarina. A Meteorologia a Serviço da Sociedade, 2006.

  • SILVA, Fabrício Daniel dos Santos ; PEREIRA FILHO, Augusto José ; HALLAK, R. . CARACTERÍSTICAS ESTATÍSTICAS ESPAÇO-TEMPORAIS DE SISTEMAS PRECIPITANTES NO LESTE DE SÃO PAULO. In: XIV Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2006, Florianópolis - Santa Catarina. A Meteorologia a Serviço da Sociedade, 2006.

  • PEREIRA FILHO, Augusto José ; VEMADO, Felipe ; HALLAK, R. ; HAAS, Reinaldo . DESEMPENHO DAS PREVIÕES DO SISTEMA ARPS PARA SÃO PAULO. In: XIV Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2006, Florianópolis - Santa Catarina. A Meteorologia a Serviço da Sociedade, 2006.

  • PRADO, Luciana Figueiredo ; PEREIRA FILHO, Augusto José ; HALLAK, R. ; LOBO, Gré de Araújo . CLIMATOLOGIA DA PRECIPITAÇÃO NO ESTADO DE SÃO PAULO NO PERÍODO DE 1947 A 1997. In: XIV Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2006, Florianópolis - Santa Catarina. A Meteorologia a Serviço da Sociedade, 2006.

  • RAMOS, Camila Gomes Martins ; PEREIRA FILHO, Augusto José ; HALLAK, R. ; CALVETTI, Leonardo ; BENETI, César Augustus Assis . ESTRUTURA ESPACIAL DE SISTEMAS PRECIPITANTES NA ÁREA DE COBERTURA DO RADAR METEOROLÓGICO DO PARANÁ. In: XIV Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2006, Florianópolis - Santa Catarina. A Meteorologia a Serviço da Sociedade, 2006.

  • PEREIRA FILHO, Augusto José ; HALLAK, R. ; KARAM, Hugo ; CARBONE, R. E. ; JANOWIAK, J. E. ; ARKIN, P. . The dynamics of convective systems in the Amazon Basin. In: 2nd International Symposium on Quantitative precipitation Forecasting and Hydrology, 2006, Bolder - Colorado. 2nd International Symposium on Quantitative precipitation Forecasting and Hydrology, 2006.

  • PEREIRA FILHO, Augusto José ; MASSAMBANI, Oswaldo ; HALLAK, R. ; KARAM, Hugo . A Hydrometeorological Forecast System for the Metropolitan Area of São Paulo. In: World Weather Research Program Symposium on Nowcasting and Very Short Range Forecasting, 2005, Toulouse - France. World Weather Research Program Symposium on Nowcasting and Very Short Range Forecasting, 2005.

  • HALLAK, R. ; PEREIRA FILHO, Augusto José ; GANDÚ, Adilson Wagner ; SILVA, Fagner Gonçalves da . Uso do Modelo de Mesoescala ARPS para Simulações de Tempestades Severas em Altíssima Resolução Espacial na Bacia do Alto Tietê (SP). In: XIII Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2004, Fortaleza - CE. Meteorologia e o Desenvolvimento Sustentável, 2004.

  • HALLAK, R. ; PEREIRA FILHO, Augusto José ; GANDÚ, Adilson Wagner ; BARROS, Mário Thadeu Leme de . Simulação Numérica de Precipitação Intensa na Região Metropolitana de São Paulo com o Modelo de Mesoescala ARPS. In: XIII Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2004, Fortaleza - CE. A Meteorologia e o Desenvolvimento Sustentável, 2004.

  • PEREIRA FILHO, Augusto José ; BARROS, Mário Thadeu Leme de ; HALLAK, R. ; GANDÚ, Adilson Wagner . Enchentes na Região Metropolitana de São Paulo: Aspectos de Mesoescala e Avaliação de Impactos. In: XIII Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2004, Fortaleza - CE. A Meteorologia e o Desenvolvimento Sustentável, 2004.

  • BARROS, Mário Thadeu Leme de ; PEREIRA FILHO, Augusto José ; GANDÚ, Adilson Wagner ; HALLAK, R. ; ANDRIOLI, Cristiane Pires . Impacto Hidrológico das Precipitações Observadas na Região Metropolitana de São Paulo nos dias 04 de fevereiro de 2004 e 29 de janeiro de 2004. In: XIII Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2004, Fortaleza - CE. A Meteorologia e o Desenvolvimento Sustentável, 2004.

  • PEREIRA FILHO, Augusto José ; HALLAK, R. ; BARROS, Mário Thadeu Leme de . Aspectos sócio-econômicos e hidrometeorológicos das enchentes na região metropolitana de São Paulo no período de 2000 a 2004. In: Simpósio Brasileiro de Desastres Naturais, 2004, Florianópolis, 2004.

  • HALLAK, R. ; SILVA DIAS, P. L. ; SILVA DIAS, M. A. F. . Sistema Avaliador Automático das Previsões Numéricas Regionais do Modelo Atmosférico RAMS. In: XII Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2002, Foz do Iguaçú - PR, 2002.

  • HALLAK, R. ; SILVA DIAS, M. A. F. . Estudo Diagnóstico de Um Vórtice de Ar Frio - Parte I: Aspectos de Grande Escala. In: XI Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2000, Rio de Janeiro - RJ. A Meteorologia Brasileira Allém do Ano 2000, 2000.

  • HALLAK, R. ; SILVA DIAS, M. A. F. . Estudo Diagnóstico de Um Vórtice de Ar Frio - Parte II: Aspectos de Mesoescala. In: XI Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2000, Rio de Janeiro - RJ. A Meteorologia Brasileira Além do Ano 2000, 2000.

  • HALLAK, R. ; SILVA DIAS, P. L. . A Operacionalização da Previsão Regional com o RAMS no DCA/IAG/USP. In: IX Congresso Brasileiro de Meteorlogia, 1996, Campos do Jordão - SP. Os benefícios das modernas técnicas de previsão de tempo e clima para as atividades sócio-econômicas, 1996. v. 1. p. 795-799.

  • SAKURAGI, J. ; HALLAK, R. . A previsão do CPTEC como estimativa inicial para a inferência dos perfis verticais do TOVS. In: IX Congresso Brasileiro de Meteorlogia, 1996. As modernas técnicas de previsão de tempo e clima para as atividades sócio-econômicas. v. 1. p. 582-586.

  • HALLAK, R. ; SILVA DIAS, M. A. F. . Análise de casos de formação de vórtices de ar frio.. In: VIII Congresso Brasileiro de Meteorologia e II Congresso Latino Americano e Ibérico de Meteorologia, 1994, Belo Horizonte. A meteorologia na prevenção dos desastres naturais, 1994. v. 3. p. 613-616.

  • SANTOS, E. B. ; FREITAS, E. D. ; RAFEE, S. A. A. ; FUJITA, T. ; RUDKE, A. P. ; Martins, J. A. ; Martins, L. D. ; HALLAK, R. ; SOUZA, R. A. F. . THE RELATIONSHIPS BETWEEN EL NIÑO SOUTHERN OSCILLATION AND CLIMATE EXTREMES IN PARANÁ RIVER BASIN, BRAZIL.. In: 98th American Meteorological Society Annual Meeting / 31st Conference on Climate Variability and Change, 2018, Austin, TX. Transforming Communication in the Weather, Water, and Climate Enterprise Focusing on Challenges Facing Our Sciences, 2018.

  • HAAS, Reinaldo ; PEREIRA FILHO, Augusto José ; HALLAK, R. ; VEMADO, Felipe . Avaliação da Previsão do evento de 20 a 24 de Novembro de 2008 em Santa Catarina. In: IV Simpósio Internacional de Meteorologia, 2011, João Pessoa. Mudanças Climáticas e seus Impactos em Áreas Urbanas, 2011.

  • SANTOS, E. B. ; RAFEE, S. A. A. ; Martins, L. D. ; SOUZA, R. A. F. ; HALLAK, R. ; Martins, Jorge A. ; FREITAS, E. D. . Influência do El-Niño - Oscilação Sul sobre o regime de chuvas na Bacia do Rio Paraná. In: VII Simpósio Internacional de Climatologia, 2017, Petrópolis - RJ. Clima, Variabilidade e Perspectivas Futuras, 2017.

  • RAFEE, S. A. A. ; RUDKE, A. P. ; FUJITA, T. ; MORAIS, M. V. B. ; SANTOS, E. B. ; HALLAK, R. ; SOUZA, R. A. F. ; MARTINS, L. D. ; MARTINS, J. A. ; FREITAS, E. D. . Analysis of spatial distribution of observed ground-based data and large scale modelling of the Parana River Basin.. In: 2017 International SWAT Conference, 2017, Varsóvia, PO. 2017 International SWAT Conference, 2017.

  • FREITAS, E. D. ; Machado ; IFANGER, R. ; TODESCO, E. ; PERES, J. ; BENDER, A. ; SIQUEIRA, I. C. ; MARTINS, J. A. ; MARTINS, L. D. ; HALLAK, R. ; VENDRASCO, E. P. ; GACITA, M. S. ; HERNANDEZ, L. . Use of mesoscale models in operational severe weather forecast over large cities in Brazil ? Results from the SOS-CHUVA Project.. In: European Conference on Severe Storms (ECSS2017), 18 to 22 September 2017, 2017, Pula, Coácia. Proceedings of the 9th European Conference on Severe Storms (ECSS2017), 2017.

  • LOPES, V. S. ; HALLAK, R. . CORRELAÇÃO ENTRE O EFEITO DA CAMADA DE RAYLEIGH E AS OSCILAÇÕES ESPÚRIAS NOS CAMPOS ESCALARES DE SIMULAÇÕES DO WRF. In: XIX Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2016, João Pessoa - PB. Meteorologia: Tempo, Água e Energia, 2016.

  • ROCHA, L. N. ; HALLAK, R. . EVIDÊNCIAS DE STING JET NUM CICLONE EXTRATROPICAL SHAPIROKEYSER EM AGOSTO DE 2014. In: XIX Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2016, João Pessoa - PB. Meteorologia: Tempo, Água e Energia, 2016.

  • HALLAK, R. . Evidência de esteira transportadora quente e úmida no jato de baixos níveis da AS: Análises isobáricas e isentrópicas. In: XIX Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2016, João Pessoa - PB. Meteorologia: Tempo, Água e Energia, 2016.

  • RAFEE, S. A. A. ; Martins, L. D. ; HALLAK, R. ; MARTINS, J. A. ; FREITAS, E. D. . ANÁLISE DE TENDÊNCIA DE VAZÃO E PRECIPITAÇÃO DA BACIA DO RIO TIETÊ. In: XIX Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2016, João Pessoa - PB. Meteorologia: Tempo, Água e Energia, 2016.

  • SANTOS, E. B. ; RAFEE, S. A. A. ; MORAIS, M. V. B. ; MARTINS, L. D. ; SOUZA, R. A. F. ; HALLAK, R. ; MARTINS, J. A. ; FREITAS, E. D. . ANÁLISE DE EVENTOS EXTREMOS DE PRECIPITAÇÃO NA BACIA DO RIO IGUAÇU- PARANÁ. In: XIX Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2016, João Pessoa, PE. Meteorologia: tempo, água e energia, 2016.

  • LANFREDI, I. S. ; Hallak, Ricardo . ESTUDO DO DESENVOLVIMENTO DUMA CÉLULA CONVECTIVA ÚMIDA E PROFUNDA ATRAVÉS DA ANÁLISE DUM PERFIL VERTICAL DA ATMOSFERA VIA RADIOSSONDAGEM. In: 22o. Simpósio Internacional de Iniciação Científica e Tecnológica da USP, 2014, São Paulo. 22o. SIICUSP, 2014.

  • ROCHA, L. N. ; Hallak, Ricardo . Trajetórias tridimensionais de parcelas de ar em situações pré-frontal e frontal na Região Sudeste do Brasil. In: 22o. Simpósio Internacional de Iniciação Científica e Tecnológica da USP, 2014, São Paulo. 22o. SIICUSP, 2014.

  • HALLAK, R. ; ROCHA, L. N. . Trajetórias tridimensionais de parcelas de ar em situações pré- frontal e frontal na Região Sudeste brasileira - Parte II: análise de variáveis termodinâmicas.. In: XVIII Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2014, Recife-PE. O papel da meteorologia na construção de uma sociedade sustentável, 2014.

  • ABREU, R. C. ; HALLAK, R. . Análise do processo de formação da convecção que ocasionou o alagamento da cidade de Franco da Rocha em Janeiro de 2011. In: XVIII Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2014, Recife - PE. O Papel da Meteorologia na Construção de uma Sociedade Sustentável, 2014.

  • THOMAS, M. C. M. ; FREITAS, H. ; NERES, N. ; SILVA, J. M. ; HALLAK, R. ; ROCHA, H. R. . Meteorological stations network to study spatio-temporal pattern of surface climatic variables and processes in the watershed. In: XVIII Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2014, Recife - PE. O Papel da Meteorologia na Construção de uma Sociedade Sustentável, 2014.

  • ROCHA, L. N. ; HALLAK, R. . Trajetórias tridimensionais de parcelas de ar em situações pré-frontal e frontal na Região Sudeste do Brasil - Parte I: cálculo e visualização de trajetórias. In: XVIII Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2014, Recife - PE. O Papel da Meteorologia na Construção de uma Sociedade Sustentável, 2014.

  • HAHN, R. ; MACHADO, R. D. ; HALLAK, R. ; MACEDO, M.S. . Avaliação do modelo ARPS para um ponto do estado do Paraná. In: XVIII Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2014, Recife - PE. O Papel da Meteorologia na Construção de uma Sociedade Sustentável, 2014.

  • SILVA, M. M. L. ; Hallak, Ricardo . Determinação Estatística do Desempenho de Índices de Instabilidade Atmosférica na Previsão de Fenômenos Convectivos de Mesoescala na Região de São Paulo. In: 21o. Simpósio Internacional de Iniciação Científica e Tecnológica da USP, 2013, São Carlos. 21o. SIICUSP, 2013.

  • MARTINS, L. D. ; MARTINS, J. A. ; ROCHA, C. R. M. ; FREITAS, E. D. ; HALLAK, R. ; ANDRADE, M. F. . Air Quality in the São Paulo Megacity with the on-line WRF/CHEM air quality model.. In: South American Emission, Megacity and Climate Workshop, 2008, Ubatuba - SP. South American Emission, Megacity and Climate Workshop, 2008.

  • MARTINS, L. D. ; MARTINS, J. A. ; MAZZOLI, C. R. ; FREITAS, E. D. ; HALLAK, R. ; ANDRADE, M. F. . Air Quality in the Vicinity of São Paulo Megacity: pollution and health.. In: 10th Scientific Conference of the International Global Atmospheric Chemistry Project (IGAC), 2008, Annecy - FR. 10th Scientific Conference of the International Global Atmospheric Chemistry Project (IGAC), 2008, 2008.

  • MARTINS, L. D. ; MARTINS, J. A. ; MAZZOLI, C. R. ; FREITAS, E. D. ; HALLAK, R. ; ANDRADE, M. F. . Particulate matter health effects in different level of pollution in the megacity of São Paulo.. In: 10th Scientific Conference of the International Global Atmospheric Chemistry Project (IGAC), 2008, Annecy - FR. 10th Scientific Conference of the International Global Atmospheric Chemistry Project (IGAC), 2008, 2008.

  • MARTINS, J. A. ; MARTINS, L. D. ; FREITAS, E. D. ; MAZZOLI, C. R. ; HALLAK, R. ; ANDRADE, M. F. . Applications of satellite imagery on development of high resolution vehicular emission inventories.. In: 10th Scientific Conference of the International Global Atmospheric Chemistry Project (IGAC), 2008, Annecy - FR. 10th Scientific Conference of the International Global Atmospheric Chemistry Project (IGAC), 2008, 2008.

  • MARTINS, J. A. ; MARTINS, L. D. ; FREITAS, E. D. ; MAZZOLI, C. R. ; HALLAK, R. ; ANDRADE, M. F. . Development of vehicular emission inventories from satellite imagery to be used in air quality models.. In: South American Emissions, Megacities and Climate - SAEMC Workshop 2008, 2008, Ubatuba - SP. South American Emissions, Megacities and Climate - SAEMC Workshop 2008, 2008.

  • MARTINS, L. D. ; MAZZOLI, C. R. ; MARTINS, J. A. ; FREITAS, E. D. ; HALLAK, R. ; SILVA JUNIOR, R. S. ; ROCHA, R. P. ; ANDRADE, M. F. . Regional Air Quality in the São Paulo Megacity with the on-line WRF/CHEM air quality model.. In: South American Emissions, Megacities and Climate - SAEMC Workshop 2008, 2008, Ubatuba - SP. South American Emissions, Megacities and Climate - SAEMC Workshop 2008, 2008.

  • HALLAK, R. . Previsão de tempo e clima. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • HALLAK, R. . A Atuação Profissional do Meteorologista e o Sistema CREA/CONFEA. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • HALLAK, R. . Aplicações da Meteorologia à Agricultura. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • HALLAK, R. . Atribuições profissionais para os Meteorologistas. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • HALLAK, R. ; ROCHA, L. N. . Trajetórias tridimensionais de parcelas de ar em situações pré- frontal e frontal na Região Sudeste brasileira - Parte II: análise de variáveis termodinâmicas.. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • HALLAK, R. . O Curso de Graduação em Meteorologia do IAG/USP. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • HALLAK, R. . Meteorologia: Ciência e Profissão. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • HALLAK, R. ; PEREIRA FILHO, Augusto José . MODELAGEM NUMÉRICA DA CONVECÇÃO LOCAL APLICADA À PREVENÇÃO DE DESASTRES NATURAIS ASSOCIADOS À PRECIPITAÇÃO NA REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO. 2011. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

HALLAK, R. . Instabilindices. 2012.

Hallak, Ricardo ; CAPRIOTI, R. ; CURI, C. . O estágio atual da previsão de tempo no Brasil em comparação com outros países ao redor do mundo. 2019. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

HALLAK, R. . As chuvas intensas e enchentes da madrugada de 11/03/2019 na Região Metropolitana de São Paulo. 2019. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

HALLAK, R. . Meteorologia e Será que Chove Amanhã?. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

HALLAK, R. . Setor meteorológico evolui e demanda mais profissionais. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

HALLAK, R. . Meteorologia e Computação. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2018 - Atual

    Estudo da estrutura física tridimensional e previsibilidade de sistemas convectivos precipitantes em regiões da Bacia Hidrográfica do Rio Paraná, Descrição: Campanhas de coleta de dados de projetos temáticos em variadas regiões da Bacia Hidrográfica do Paraná (especificamente projetos SOS-CHUVA/FAPESP, MCTI/CNPq/ANA N º 23/2015 ? Pesquisa em Mudança do Clima e Edital ANA/CAPES No. 19/2015 - Mudanças do Clima e Recursos Hídricos), proporcionam uma excelente oportunidade de pesquisa sobre os fenômenos convectivos de mesoescala que afetam aquelas áreas ao longo do ano. Estes fenômenos precipitantes de mesoescala determinam de forma significativa a quantidade de água precipitada na Bacia. O projeto SOS-CHUVA promoveu intensa campanha de coleta de dados de alta resolução espaço-temporal na região da Cidade de Campinas com o objetivo de estudar eventos severos convectivos envolvendo pesquisadores de várias instituições, dentre elas a USP e o INPE (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais). Nos projetos Pesquisa em Mudança do Clima e Mudanças do Clima e Recursos Hídricos, o principal objetivo é detectar sinais de mudanças climáticas nos regimes de chuva na área abrangida pela Bacia Hidrográfica do Rio Paraná para os períodos históricos (passado) e projetados para o futuro. A Região Metropolitana de São Paulo e cidades importantes vizinhas no Estado de São Paulo são também beneficiadas por tais projetos temáticos. Estudos sobre as características tridimensionais de sistemas convectivos, sua origem, desenvolvimento, ciclo de vida, formas de propagação e severidade podem, então, ser investigados com maior profundidade do que têm sido nos últimos anos. Para o projeto de pesquisa PUB 2018-2019 aqui proposto, a principal questão científica diz respeito às razões físicas que levam um fenômeno meteorológico precipitante, inicialmente comum, a evoluir para um sistema severo. A inserção deste projeto de pesquisa PUB em projetos temáticos de maior escopo constitui uma oportunidade única para o desenvolvimento de pesquisas no nível de Iniciação Científica, oferecendo aos estudantes de graduação uma formação profissional e científica com maior qualidade. Dessa forma, alguns pontos de interesse para investigação foram selecionados: o estudo das correntes verticais ascendentes e descendentes no interior dos sistemas convectivos, que estão associadas a fenômenos intensos observados na região, como forte precipitação à superfície, microexplosões e tornados; o estudo das piscinas de ar frio, associadas com o modelo de propagação dos sistemas convectivos; as linhas de convergência de superfície e suas interações, muitas vezes constituindo-se no gatilho de disparo para início da convecção; o estudo do papel do vapor d'água na severidade dos sistemas selecionados; o estudo da destreza prognóstica de índices de instabilidade atmosférica em relação à convecção; e o estudo da cinemática e da dinâmica do movimento e suas interações com os 2 fenômenos meteorológicos observados nas regiões de interesse, como o cisalhamento vertical do vento e o entranhamento de massas de ar nas nuvens cumulonimbus. Em virtude da disponibilidade do conjunto de dados de precipitação coletados em cerca de 1100 pluviômetros de superfície, obtido da Agência Nacional de Águas (ANA) e que estão disponíveis para toda a Bacia do Paraná, propõe-se estudos estatísticos diversos que complementam as análises dos sistemas convectivos. Os resultados esperados permitirão auxiliar na compreensão da física e da estrutura dos sistemas severos que afetam a faixa leste do Estado de São Paulo, além de uma análise da climatologia de precipitação por meio dos dados coletados disponíveis de 1984 a 2017.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Ricardo Hallak - Coordenador / Estella da Silva Jesus - Integrante., Financiador(es): Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária da USP - Bolsa.

  • 2017 - 2018

    Estudo da estrutura tridimensional e da física de sistemas convectivos precipitantes na região do projeto temático SOS-CHUVA, Descrição: A campanha de coleta de dados do projeto temático SOS-CHUVA/FAPESP para a região de Campinas, em específico, e da faixa leste de São Paulo, em geral, proporciona uma excelente oportunidade de pesquisa sobre os fenômenos convectivos de mesoescala que afetam essas áreas ao longo do ano. Seu principal objetivo é elaborar e disponibilizar ao público um sistema de alerta para eventos meteorológicos severos, que deverá ser expandir para outras regiões densamente povoadas do País. Durante a campanha de coleta de dados, por meio de diversos tipos de instrumentos, uma grande quantidade de dados são coletados em diversas escalas espaço-temporais. Com isso, estudos sobre as características tridimensionais de sistemas convectivos, sua origem, desenvolvimento, ciclo de vida, formas de propagação e severidade poderão ser investigados com profundidade. A principal questão científica dessa iniciativa é entender e, assim, explicar, quais são as razões físicas que levam um fenômeno meteorológico comum a evoluir para um sistema severo. A inserção do presente projeto de pesquisa no escopo do projeto temático constitui uma oportunidade única para o desenvolvimento de pesquisas no nível de Iniciação Científica, contribuindo com a formação profissional e científica dos estudantes envolvidos. Dessa forma, alguns pontos de interesse para investigação foram selecionados: o estudo das correntes verticais ascendentes e descendentes no interior dos sistemas, que estão associadas a fenômenos intensos observados na região, como forte precipitação à superfície, microexplosões e tornados; o estudo das piscinas de ar frio, associadas com o modelo de propagação dos sistemas convectivos; as linhas de convergência de superfície e suas interações, muitas vezes constituindo-se no gatilho de disparo para início da convecção; o estudo do papel do vapor d'água na severidade dos sistemas selecionados; o estudo da destreza prognóstica de índices de instabilidade atmosférica em relação à convecção; o estudo da cinemática e da dinâmica do movimento e suas interações com os fenômenos meteorológicos observados nas regiões de interesse, como o cisalhamento vertical do vento e o entranhamento de massas de ar nas nuvens cumulonimbus. Os resultados esperados permitirão a evolução na compreensão da física e da estrutura dos sistemas severos que afetam a faixa leste do Estado de São Paulo.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Ricardo Hallak - Coordenador / Nathalia Grazieli Xavier de Aguiar - Integrante / Helena de Godoy Casimiro - Integrante., Financiador(es): Universidade de São Paulo - Bolsa.

  • 2016 - 2018

    O regime hidrológico das bacias dos Rios Piracicaba e Paraíba do Sul no clima futuro: avaliação de alta resolução dos padrões, incertezas e impactos do uso da terra., Descrição: As projeções climáticas para a América do Sul, em especial para a Região Sudeste do Brasil, indicam uma tendência de aumento das chuvas intensas e um aumento na frequência de períodos secos. Eventos críticos de enchentes e escassez hídricas são comuns nas bacias do Rio Piracicaba e do Rio Paraíba do Sul, que abastecem as maiores metrópoles da Região Sudeste. Os eventos extremos climáticos e a mudança do uso da terra produzem desserviços hidrológicos que causam prejuízos de grandes proporções materiais e humanos. O uso e o desenvolvimento de modelos hidrológicos têm permitido a realização de estudos de mudanças climáticas e de incertezas na disponibilidade hídrica. São usados também como uma ferramenta útil para avaliar a implementação de práticas de conservação da vegetação e do solo em bacias hidrográficas. Apesar dos avanços obtidos ao longo dos anos, a capacidade dos modelos hidrológicos ainda é limitada para atender a demanda por previsões hidrológicas. Em boa parte, isso se deve às incertezas contidas no processo de modelagem atmosférica e nas suas previsões, as quais alimentam os modelos hidrológicos. O mesmo ocorre com os cenários futuros de mudança do clima, uma vez que estes modelos climáticos utilizam diferentes representações físicas de processos em baixa resolução espacial. O objetivo desta proposta é estimar os potenciais impactos no regime hidrológico das bacias hidrográficas do Rio Piracicaba e Rio Paraíba do Sul, com enfoque nos padrões das mudanças climáticas, incertezas e uso da terra. Pretende-se simular o regime hidrológico com a utilização dos dados dos Modelos de Circulação Geral do Coupled Model Intercomparison Project Phase 5 (CMIP5) modificado por downscaling dinâmico para gerar forçantes climáticas que alimentem o modelo hidrológico SWAT. Serão aperfeiçoados modelos atmosféricos e hidrológicos nas escalas espaciais regional e local, voltado às pesquisas de impacto das projeções de mudanças climáticas globais em ambientes regionais e locais, visando obter estimativas probabilísticas dos impactos e incertezas hidrológicas em função destas alterações. A proposta estabelecerá um grupo de pesquisa e desenvolvimento aplicados ao estudo dos impactos das mudanças globais nos recursos hídricos com desenvolvimento nas escalas regional e local que poderá auxiliar os tomadores de decisão no planejamento de planos de ação mitigatória.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Ricardo Hallak - Integrante / Jonathan Mota Silva - Integrante / Humberto Ribeiro da Rocha - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro / Agência Nacional de Águas - Auxílio financeiro.

  • 2016 - Atual

    Detecção do papel das mudanças climáticas e das condições de uso e ocupação do solo sobre a hidrologia da Bacia do Rio Paraná, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Jorge Alberto Martins em 25/10/2016., Descrição: Diversos estudos têm sido realizados nas últimas décadas envolvendo a climatologia e hidrologia da Região Hidrográfica do Rio Paraná. Entretanto, isso não tem se traduzido proporcionalmente em informações úteis e diretamente aplicadas nas tomadas de decisão pelos gestores do setor hídrico quando o assunto é previsibilidade. A maior parte do problema reside na grande incerteza associada aos cenários desenhados por modelos climáticos para a região e na não concordância entre modelos. Neste sentido, este projeto se propõe a uma avaliação por sub-bacias do comportamento hidrológico da Bacia do Paraná. Pretende-se assim avaliar o passado hidrológico recente da Bacia do Paraná, partindo de elevado refinamento espacial e temporal dos dados em suas sub-bacias, para detectar e atribuir causalidade aos componentes da variabilidade natural, das mudanças climáticas e das mudanças no uso e ocupação do solo. Cenários climáticos futuros regionalizados serão avaliados por sub-bacias, com indicação do nível de assertividade que deve ser dado aos mesmos quando de seu uso por gestores. A análise estatística de extremos climáticos, em particular a ocorrência de secas severas e prolongadas, tema que requer aprofundamento e pode ter significativos impactos nas próximas décadas sobre a região, será o foco da investigação. Modelos hidrológicos de grande bacia serão aplicados como ferramenta de avaliação do papel relativo da mudança climática e das mudanças na forma de uso e ocupação do solo. Espera-se assim produzir informações que permitam a gestores das áreas de recursos hídricos e meio ambiente promoverem políticas e ações que possibilitem a reconciliação do suprimento natural de água, ainda que em condições de extremos, com as demandas de uso, bem como promover e desenvolver planos adaptativos para condições futuras de menor oferta, não desconsiderando as premissas de uso mais eficiente, reuso ou reciclagem, além da necessidade de redução em médio e longo prazo da demanda do produto.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Ricardo Hallak - Integrante / Edmilson Dias de Freitas - Integrante / Jorge Alberto Martins - Coordenador / Leila Droprinchinski Martins - Integrante / Rodrigo Augusto Ferreira de Souza - Integrante / Rita Valeria Andreoli de Souza - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.

  • 2016 - Atual

    Climate-Smart Watershed Investments in the Montane Tropics of South America (ClimateWIse) PROJETO TEMÁTICO, EDITAL BELMONT FORUM, Descrição: Milhões de sul americanos dependem dos mananciais hídricos dos páramos Andinos e das florestas de Mata Atlântica, que estão sob progressiva pressão do uso da terra e das mudanças climáticas. Os Investimentos de Serviços Hídricos (ISH) nas microbacias representam uma rede observatória sem precedentes, com forte potencial de criar oportunidades de avaliação dos impactos do uso da terra e das mudanças climáticas nos recursos hídricos em escala regional. O projeto ClimateWIse avaliará a eficiência de provisão dos ISH aos serviços ambientais hídricos, em montanhas tropicais da América do Sul, na escala de médio prazo para distintos cenários de uso da terra, e no longo prazo sob os cenários de mudanças do clima. A avaliação visará especificamente 1.1) as expectativas dos agentes intervenientes dos ISH; 1.2) a síntese de novos dados de monitoramento e 1.3) o aperfeiçoamento de modelos matemáticos para desenho e avaliação dos ISH. Para buscar ações efetivas de resiliência climática, o projeto visará especificamente 2.1) como os ISH assimilam a variável climática no planejamento de longo prazo; 2.2) o aperfeiçoamento das previsões de resposta hidrológica ao clima e ao uso da terra na bacia; e 2.3) a integração de todas estas ações para formular critérios de adaptação ao clima. O projeto ClimateWIse integrará um corpo de pesquisadores com experiência em 3 diferentes países, que trará de forma inédita uma ênfase à hidroclimatologia e aos aspectos dos ISH da América do Sul. Esta integração visará encurtar as conexões da Parceria de Fundos de Água da América Latina (LAWFP) e o Programa Produtor de Água (ANA/Brasil), por meio da ênfase no aconselhamento da gestão sustentável da água, com conhecimento científico acerca dos impactos do uso da terra e das mudanças climáticas nas montanhas tropicais. Espera-se obter resultados que transformem certos aspectos do conceito da gestão baseada nos serviços ambientais em benefícios diretos para os usuários e para a gestão ambiental também em outras escalas territoriais.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Mestrado acadêmico: (4) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Ricardo Hallak - Integrante / helber freitas - Integrante / Jonathan Mota Silva - Integrante / Humberto Ribeiro da Rocha - Coordenador / Sandra Isay Saad - Integrante / Kate Brauman - Integrante / M. Florke - Integrante / P. Hammel - Integrante / A. Ponnete-Gonzalez - Integrante / Leah L. Bremer - Integrante.

  • 2014 - 2017

    Aperfeiçoamento da previsão hidro-meteorológica no Estado de São Paulo, Descrição: Descrição: Este projeto está dividido em duas frentes. Na primeira, pretende-se melhorar a previsão meteorológica em termos de qualidade e de visualização. Para melhoria da qualidade da previsão, serão utilizadas técnicas bastante promissoras: a análise objetiva e a assimilação de dados. Muitos trabalhos mostram uma melhoria na performance da previsão com estes métodos, que ainda são pouco utilizados no ambiente operacional. Já a melhoria da visualização se trata da escolha de um conjunto de variáveis ou índices em um mesmo mapa, que agilizem a interpretação dos fenômenos meteorológicos previstos por parte dos meteorologistas previsores. Em uma segunda frente, pretende-se implementar a previsão hidrológica de médio (até 15 dias) e longo prazo (seis meses), através de um conjunto de simulações, constituindo a previsão hidrológica por conjunto. A previsão por conjunto pode levar a melhores decisões relacionadas a questões operacionais hidrológicas, por associar as previsões a um grau de incerteza e melhorar a qualidade da previsão. A assertividade da previsão meteorológica exercerá um forte controle na assertividade da previsão meteorológica. Assim, os benefícios encontrados na primeira frente poderão ser incorporados à segunda frente. Estas duas frentes se caracterizam por inovações potenciais, uma vez que a melhoria da previsão de chuva e de vazão representam mais um passo dado em direção à excelência dos produtos providos pela empresa e à satisfação de seus clientes... , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Ricardo Hallak - Integrante / Jonathan Mota Silva - Integrante / Humberto Ribeiro da Rocha - Integrante / Sandra Isay Saad - Coordenador.

  • 2011 - 2013

    ANÁLISE, SIMULAÇÃO E PREVISÃO DE TEMPESTADES POR RADAR, SATÉLITE E MODELAGEM NUMÉRICA, Descrição: O monitoramento e a previsão de curtíssimo prazo (até 1 hora) de sistemas precipitantes são geralmente efetuados com o uso dos radares meteorológicos. No entanto, a cobertura atual de radares no território nacional está longe da ideal, pois os radares são sensores remotos ativos de alto custo de aquisição e manutenção. Por outro lado, a previsão de curto prazo (3 a 12 horas) desses sistemas de precipitação de forte impacto social apresenta alta complexidade nas caracterísitcas dinâmicas e termodinâmicas atmosféricas. Por estes motivos, propõe-se o desenvolvimento e aprofundamento de modelagem numérica da atmosfera para o estudo da dinâmica e predictabilidade de sistemas convectivos profundos, como linhas de instabilidade, aglomerados convectivos amorfos e tempestades isoladas.Os principais objetivos deste projeto de pesquisa são: 1) A identificação objetiva e a caracterização das fontes de erros na previsão numérica dos sistemas convectivos severos; 2) A análise da convecção profunda na Região Metropolitana de São Paulo por meio dos dados medidos em diversas plataformas convencionais e não-convencionais; 3) A modelagem da convecção profunda na Região Metropolitana de São Paulo por intermédio de simulações numéricas de altíssima resolução espacial com o modelo ARPS; 4) A elaboração de modelos conceituais dos mecanismos de disparo da convecção profunda nesta região; 5) A mensuração do desempenho de simulações numéricas de precipitação em situações meteorológicas severas selecionadas em confronto com os dados estimados por radares meteorológicos; 6) A continuidade e expansão das previsões operacionais do Laboratório de Hidrometeorologia da Universidade de São Paulo; 7) A implementação de subrotinas de assimilação de dados do ARPS (ADAS) para estimativas de variáveis atmosféricas obtidas por satélites, visando aplicações na previsão do tempo de curto prazo associada à convecção profunda.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Ricardo Hallak - Integrante / Augusto José Pereira Filho - Coordenador., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.

  • 2005 - 2010

    Sistema de previsão hidrometeorológica para a Bacia do Alto Tietê, Descrição: Este projeto compreende o desenvolvimento de um sistema de previsão hidrometeorológica para a bacia do Rio Alto Tietê onde se localiza a Região Metropolitana de São Paulo. Houve uma mudança antrópica significativa desta região no microclima, balanço hídrico, qualidade da água e do ar, entre outras. Estas mudanças reduziram os recursos hídricos na bacia e têm provocado enchentes e inundações freqüentes nas áreas densamente urbanizadas tais como a da Zona Leste. Há mais de 600 áreas mapeadas sujeitas às inundações, apenas na Cidade de São Paulo. Este projeto desenvolve pesquisa a partir de variáveis meteorológicas medidas por meio de estações hidrometeorológicas, radares meteorológicos estacionários e móvel, perfiladores de vento, satélite e radiossondagem. O sistema de previsão possui quatro módulos principais: análise objetiva, previsão a curtíssimo prazo com radar meteorológico, modelagem de mesoescala e modelagem hidrológica. O sistema de previsão permitirá uma maior compreensão, por exemplo, da camada limite urbana e rural, circulações locais e de mesoescala, processos microfísicos nas nuvens, modelagem numérica, análise objetiva, recuperação e assimilação de dados e modelagem hidrológica. Ainda, permitirá a demonstração do mesmo fundamentado em novas tecnologias e conhecimentos científicos. Os principais objetivos científicos são: 1- Quantificar a precipitação com alta resolução espaço-temporal por meio da integração objetiva de medidas e estimativas diversas; 2- prever a precipitação com até três horas de antecedência por meio do radar meteorológico; 3- prever a precipitação com 24 horas de antecedência por meio do modelo numérico ARPS; 4- prever a vazão de rios por meio do modelo TOPMODEL; 5- demonstrar a operação do sistema de previsão hidrometeorológica. Estes avanços permitem mitigar os efeitos das enchentes e inundações... , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Ricardo Hallak - Integrante / Augusto José Pereira Filho - Coordenador / Leonardo Calvetti - Integrante / Hugo Abi Karan - Integrante.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de desenvolvimento

  • 1995 - 1998

    Inferência de dados meteorológicos a partir do sensoriamento remoto da atmosfera por satélites geoestacionários e de órbita polar., Descrição: Por meio da prospecção remota da atmosfera efetuada com satélites meteorológicos de órbita geoestacionária (GOES-12) e polar (NOAA-12), são extraídos campos tridimensionais de vento, temperatura e umidade. A análise dos resultados dos procedimentos computacionais e melhoria dos códigos são partes fundamentais para o sucesso do projeto.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Ricardo Hallak - Integrante / Jojhy Sakuragi - Integrante / Luís Augusto Toledo Machado - Integrante / Carlos Afonso Nobre - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 1995 - 1998

    Inferência de dados meteorológicos a partir do sensoriamento remoto da atmosfera por satélites geoestacionários e de órbita polar., Descrição: Por meio da prospecção remota da atmosfera efetuada com satélites meteorológicos de órbita geoestacionária (GOES-12) e polar (NOAA-12), são extraídos campos tridimensionais de vento, temperatura e umidade. A análise dos resultados dos procedimentos computacionais e melhoria dos códigos são partes fundamentais para o sucesso do projeto.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Ricardo Hallak - Integrante / Jojhy Sakuragi - Integrante / Luís Augusto Toledo Machado - Integrante / Carlos Afonso Nobre - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 1995 - 1998

    Inferência de dados meteorológicos a partir do sensoriamento remoto da atmosfera por satélites geoestacionários e de órbita polar., Descrição: Por meio da prospecção remota da atmosfera efetuada com satélites meteorológicos de órbita geoestacionária (GOES-12) e polar (NOAA-12), são extraídos campos tridimensionais de vento, temperatura e umidade. A análise dos resultados dos procedimentos computacionais e melhoria dos códigos são partes fundamentais para o sucesso do projeto.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Ricardo Hallak - Integrante / Jojhy Sakuragi - Integrante / Luís Augusto Toledo Machado - Integrante / Carlos Afonso Nobre - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 1995 - 1998

    Inferência de dados meteorológicos a partir do sensoriamento remoto da atmosfera por satélites geoestacionários e de órbita polar., Descrição: Por meio da prospecção remota da atmosfera efetuada com satélites meteorológicos de órbita geoestacionária (GOES-12) e polar (NOAA-12), são extraídos campos tridimensionais de vento, temperatura e umidade. A análise dos resultados dos procedimentos computacionais e melhoria dos códigos são partes fundamentais para o sucesso do projeto.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Ricardo Hallak - Integrante / Jojhy Sakuragi - Integrante / Luís Augusto Toledo Machado - Integrante / Carlos Afonso Nobre - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 1995 - 1998

    Inferência de dados meteorológicos a partir do sensoriamento remoto da atmosfera por satélites geoestacionários e de órbita polar., Descrição: Por meio da prospecção remota da atmosfera efetuada com satélites meteorológicos de órbita geoestacionária (GOES-12) e polar (NOAA-12), são extraídos campos tridimensionais de vento, temperatura e umidade. A análise dos resultados dos procedimentos computacionais e melhoria dos códigos são partes fundamentais para o sucesso do projeto.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Ricardo Hallak - Integrante / Jojhy Sakuragi - Integrante / Luís Augusto Toledo Machado - Integrante / Carlos Afonso Nobre - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 1995 - 1998

    Inferência de dados meteorológicos a partir do sensoriamento remoto da atmosfera por satélites geoestacionários e de órbita polar., Descrição: Por meio da prospecção remota da atmosfera efetuada com satélites meteorológicos de órbita geoestacionária (GOES-12) e polar (NOAA-12), são extraídos campos tridimensionais de vento, temperatura e umidade. A análise dos resultados dos procedimentos computacionais e melhoria dos códigos são partes fundamentais para o sucesso do projeto.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Ricardo Hallak - Integrante / Jojhy Sakuragi - Integrante / Luís Augusto Toledo Machado - Integrante / Carlos Afonso Nobre - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 1995 - 1998

    Inferência de dados meteorológicos a partir do sensoriamento remoto da atmosfera por satélites geoestacionários e de órbita polar., Descrição: Por meio da prospecção remota da atmosfera efetuada com satélites meteorológicos de órbita geoestacionária (GOES-12) e polar (NOAA-12), são extraídos campos tridimensionais de vento, temperatura e umidade. A análise dos resultados dos procedimentos computacionais e melhoria dos códigos são partes fundamentais para o sucesso do projeto.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Ricardo Hallak - Integrante / Jojhy Sakuragi - Integrante / Luís Augusto Toledo Machado - Integrante / Carlos Afonso Nobre - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 1995 - 1998

    Inferência de dados meteorológicos a partir do sensoriamento remoto da atmosfera por satélites geoestacionários e de órbita polar., Descrição: Por meio da prospecção remota da atmosfera efetuada com satélites meteorológicos de órbita geoestacionária (GOES-12) e polar (NOAA-12), são extraídos campos tridimensionais de vento, temperatura e umidade. A análise dos resultados dos procedimentos computacionais e melhoria dos códigos são partes fundamentais para o sucesso do projeto.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Ricardo Hallak - Integrante / Jojhy Sakuragi - Integrante / Luís Augusto Toledo Machado - Integrante / Carlos Afonso Nobre - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 1995 - 1998

    Inferência de dados meteorológicos a partir do sensoriamento remoto da atmosfera por satélites geoestacionários e de órbita polar., Descrição: Por meio da prospecção remota da atmosfera efetuada com satélites meteorológicos de órbita geoestacionária (GOES-12) e polar (NOAA-12), são extraídos campos tridimensionais de vento, temperatura e umidade. A análise dos resultados dos procedimentos computacionais e melhoria dos códigos são partes fundamentais para o sucesso do projeto.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Ricardo Hallak - Integrante / Jojhy Sakuragi - Integrante / Luís Augusto Toledo Machado - Integrante / Carlos Afonso Nobre - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 1995 - 1998

    Inferência de dados meteorológicos a partir do sensoriamento remoto da atmosfera por satélites geoestacionários e de órbita polar., Descrição: Por meio da prospecção remota da atmosfera efetuada com satélites meteorológicos de órbita geoestacionária (GOES-12) e polar (NOAA-12), são extraídos campos tridimensionais de vento, temperatura e umidade. A análise dos resultados dos procedimentos computacionais e melhoria dos códigos são partes fundamentais para o sucesso do projeto.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Ricardo Hallak - Integrante / Jojhy Sakuragi - Integrante / Luís Augusto Toledo Machado - Integrante / Carlos Afonso Nobre - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 1995 - 1998

    Inferência de dados meteorológicos a partir do sensoriamento remoto da atmosfera por satélites geoestacionários e de órbita polar., Descrição: Por meio da prospecção remota da atmosfera efetuada com satélites meteorológicos de órbita geoestacionária (GOES-12) e polar (NOAA-12), são extraídos campos tridimensionais de vento, temperatura e umidade. A análise dos resultados dos procedimentos computacionais e melhoria dos códigos são partes fundamentais para o sucesso do projeto.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Ricardo Hallak - Integrante / Jojhy Sakuragi - Integrante / Luís Augusto Toledo Machado - Integrante / Carlos Afonso Nobre - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 1995 - 1998

    Inferência de dados meteorológicos a partir do sensoriamento remoto da atmosfera por satélites geoestacionários e de órbita polar., Descrição: Por meio da prospecção remota da atmosfera efetuada com satélites meteorológicos de órbita geoestacionária (GOES-12) e polar (NOAA-12), são extraídos campos tridimensionais de vento, temperatura e umidade. A análise dos resultados dos procedimentos computacionais e melhoria dos códigos são partes fundamentais para o sucesso do projeto.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Ricardo Hallak - Integrante / Jojhy Sakuragi - Integrante / Luís Augusto Toledo Machado - Integrante / Carlos Afonso Nobre - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 1995 - 1998

    Inferência de dados meteorológicos a partir do sensoriamento remoto da atmosfera por satélites geoestacionários e de órbita polar., Descrição: Por meio da prospecção remota da atmosfera efetuada com satélites meteorológicos de órbita geoestacionária (GOES-12) e polar (NOAA-12), são extraídos campos tridimensionais de vento, temperatura e umidade. A análise dos resultados dos procedimentos computacionais e melhoria dos códigos são partes fundamentais para o sucesso do projeto.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Ricardo Hallak - Integrante / Jojhy Sakuragi - Integrante / Luís Augusto Toledo Machado - Integrante / Carlos Afonso Nobre - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 1995 - 1998

    Inferência de dados meteorológicos a partir do sensoriamento remoto da atmosfera por satélites geoestacionários e de órbita polar., Descrição: Por meio da prospecção remota da atmosfera efetuada com satélites meteorológicos de órbita geoestacionária (GOES-12) e polar (NOAA-12), são extraídos campos tridimensionais de vento, temperatura e umidade. A análise dos resultados dos procedimentos computacionais e melhoria dos códigos são partes fundamentais para o sucesso do projeto.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento.

  • 1995 - 1998

    Inferência de dados meteorológicos a partir do sensoriamento remoto da atmosfera por satélites geoestacionários e de órbita polar., Descrição: Por meio da prospecção remota da atmosfera efetuada com satélites meteorológicos de órbita geoestacionária (GOES-12) e polar (NOAA-12), são extraídos campos tridimensionais de vento, temperatura e umidade. A análise dos resultados dos procedimentos computacionais e melhoria dos códigos são partes fundamentais para o sucesso do projeto.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Ricardo Hallak - Integrante / Jojhy Sakuragi - Integrante / Luís Augusto Toledo Machado - Integrante / Carlos Afonso Nobre - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 1995 - 1998

    Inferência de dados meteorológicos a partir do sensoriamento remoto da atmosfera por satélites geoestacionários e de órbita polar., Descrição: Por meio da prospecção remota da atmosfera efetuada com satélites meteorológicos de órbita geoestacionária (GOES-12) e polar (NOAA-12), são extraídos campos tridimensionais de vento, temperatura e umidade. A análise dos resultados dos procedimentos computacionais e melhoria dos códigos são partes fundamentais para o sucesso do projeto.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Ricardo Hallak - Integrante / Jojhy Sakuragi - Integrante / Luís Augusto Toledo Machado - Integrante / Carlos Afonso Nobre - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Prêmios

2013

Professor Paraninfo da Turma de Bacharelado em Meteorologia/ACA/IAGUSP, Universidade de São Paulo.

2004

Melhor Pôster de Seção no XIII CBMET, Sociedade Brasileira de Meteorologia.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Universidade de São Paulo, Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas. , Rua do Matão, 1226, Prédio Principal, Sala 332, Cidade Universitária, 05508090 - São Paulo, SP - Brasil - Caixa-postal: 3386, Telefone: (11) 30914698, URL da Homepage:

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2013 - Atual

    Universidade de São Paulo

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Doutor RDIDP, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

  • 2012 - 2013

    Universidade de São Paulo

    Vínculo: Professor Contratado, Enquadramento Funcional: Contratado por tempo determinado, Carga horária: 12

  • 2008 - 2010

    Universidade de São Paulo

    Vínculo: Bolsista recém-doutor, Enquadramento Funcional: Bolsista, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Bolsista da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP). Programa de pós-doutorado do Departamento de Ciências Atmosféricas, Instituto de Astronomia, Geofícia e Ciências Atmosféricas da Universidaede de São Paulo. Foco na implementação do Laboratório de Hidrometeorologia no Departamento de Ciências Atmosféricas (DCA) do Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas (IAG) da Universidade de São Paulo (USP). Atividades em simulação numérica de mesoescala e tempestades severas, pesquisa científica em mecanismos de disparo de tempestades, desenvolvimento de softwares aplicados à escala de tempestades, pesquisa em sensoriamento remoto da atmosfera (satélite e radar meteorológico) e aplicações em hidrometeorologia.

    Atividades

    • 01/2014

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas, Departamento de Ciências Atmosféricas.,Cargo ou função, Conselheiro representante do ACA/IAG/USP no Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Estado de São Paulo - CREA-SP.

    • 07/2013

      Pesquisa e desenvolvimento , Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas, .,Linhas de pesquisa

    • 07/2013

      Ensino, Meteorologia, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, Laboratório de Meteorologia Sinótica, Radiação Atmosférica 1, Termodinâmica da Atmosfera

    • 03/2012

      Ensino, Meteorologia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Climatologia 1, Dinâmica da Atmosfera 1; Dinâmica da Atmosfera 2, Física da Terra e do Universo, Meteorologia Física 2, Meteorologia por Satélite, Meteorologia Sinótica 1; Meteorologia Sinótica 3, Introdução à Meteorologia de Mesoescala

  • 2012 - 2012

    Instituto de Astronomia, Geofisica e Ciencias Atmosféricas

    Vínculo: Professor Contratado, Enquadramento Funcional: Contratado por tempo determinado, Carga horária: 12

  • 2011 - 2012

    Instituto de Astronomia, Geofisica e Ciencias Atmosféricas

    Vínculo: Bolsista recém-doutor, Enquadramento Funcional: Bolsista Pesquisador, Carga horária: 40

    Outras informações:
    Pesquisador em nível de pós-doutorado no Programa Nacional de Pós-Doutorado (PNPD) CAPES/CNPq.

  • 1995 - 1998

    Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais

    Vínculo: Outro, Enquadramento Funcional: Outro (especifique) Bolsista RHAE, Carga horária: 40

    Outras informações:
    Bolsista RHAE do Programa do Ministério de Ciência e Tecnologia para Desenvolvimento de Recursos Humanos no período de 01/08/95 a 28/02/98, foco em modelagem numérica regional, infereência de dados meteorlógicos por meio de satélites e desenvolvimento de softwares meteorológicos.

    Atividades

    • 06/1995 - 02/1998

      Pesquisa e desenvolvimento , Centro de Previsão do Tempo e Estudos Climáticos, .,Linhas de pesquisa

  • 2000 - 2002

    Somar Meteorologia - Santana de Parnaiba

    Vínculo: Consultoria Científica, Enquadramento Funcional: Prestador de Serviços Autônomo, Carga horária: 40

    Outras informações:
    Consultor na empresa Somar Meteorologia (São Paulo-SP) de 01/06/2000 a 30/06/2002, foco em modelagem e previsão numérica regional, tratamento de dados meteorológicos convencionais e por sensoriamento remoto e desenvolvimento de softwares com aplicações meteorológicas.