Elenice Deffune

Elenice Deffune concluiu o doutorado em Immunologie - Université de Paris VI (Pierre et Marie Curie) em 1992. Atualmente é Professor Assistente Doutor da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho na disciplina de Hemoterapia. É reponsável pelo Laboratório de Engenharia Celular do Hemocentro de Botucatu tendo 4 linhas de pesquisa atuantes: 1)produção de anticorpos monoclonais murinos, 2) cultura e diferenciação de células tronco de diferentes espécies, 3) Terapia celular e 4) Produção de Curativos Bioativos ( Biocurativos). Publicou 50 artigos em periódicos especializados e 77 trabalhos em anais de eventos. Possui 24 livros publicados. Possui 15 produtos tecnológicos e 3 processos ou técnicas. Participou de 5 eventos no exterior e 129 no Brasil. Orientou 28 dissertações de mestrado e co-orientou 4, co-orientou 4 teses de doutorado, além de ter orientado 21 trabalhos de iniciação científica e TCC nas áreas de Medicina, Enfermagem e Fisiologia. Recebeu 10 prêmios e/ou homenagens. Entre 1992 e 2006 coordenou 16 projetos de pesquisa. Atualmente participa de 7 projetos de pesquisa, sendo que coordena 6 destes. Atua na área de Medicina e biomedicina. Em suas atividades profissionais interagiu com 328 colaboradores em co-autorias de trabalhos científicos. Em seu currículo Lattes os termos mais freqüentes na contextualização da produção científica, tecnológica e artístico-cultural são: hemoterapia, biossegurança, anticorpos monoclonais, citometria de fluxo, células tronco, controle de qualidade, risco biológico e doação de sangue.

Informações coletadas do Lattes em 24/06/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em Immunologie

1989 - 1992

Université Pierre et Marie Curie
Título: Obtention d'anticorps monoclonaux dirigés contre le troisième composant du complément:intêret en imunohematologie.
Orientador: Prof Phlippe Rouger
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil. Palavras-chave: anticorps monoclonaux; genie celulaire; complement; immunohematologie.Grande área: Ciências BiológicasSetores de atividade: Desenvolvimento de Produtos Tecnológicos Voltados Para A Saúde Humana.

Mestrado em Immunobiotech Immunogenet Et Transfusion Sanguine

1987 - 1989

Université Pierre et Marie Curie
Título: Preparation d'anticorps monoclonaux murins anti-complément",Ano de Obtenção: 1990
Orientador: Professeur Charles Salmon
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil. Palavras-chave: anticorps monoclonaux; complement.Grande área: Ciências da SaúdeSetores de atividade: Desenvolvimento de Produtos Tecnológicos Voltados Para A Saúde Humana.

Especialização - Residência médica

1981 - 1982

Universidade Federal do Paraná
Residência médica em: Clínica Médica no Hospital das Clínicas da UFPRNúmero do registro: . Palavras-chave: Residência Médica.Grande área: Ciências da SaúdeSetores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.

Especialização em Diplome Universitaire de Transfusion Sanguine

1986 - 1989

Universidade de Paris VI
Título: Transfusion Sanguine dans les Tiers Monde
Orientador: Professeur Charles Salmon

Graduação em Medicina

1975 - 1980

Faculdade Evangélica de Medicina do Paraná
Título: Estágio rotatório

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2012 -

Modelo de Excelência de Gestão. (Carga horária: 40h). , Fundação Nacional da Qualidade- Sebrae, FNQ, Brasil.

2018 - 2018

From cell seeding to analysis - Getting the best out of your cell-based ass. (Carga horária: 40h). , Flórida Continuing Education, FCE, Estados Unidos.

2013 - 2013

Extensão universitária em Os resíduos do serviço de saúde - turma I. (Carga horária: 2h). , Hemocentro da Faculdade de Medicina UNESP de Botucatu, UNESP, Brasil.

2011 - 2011

Programa 5 S. (Carga horária: 40h). , Fundação Nacional da Qualidade- Sebrae, FNQ, Brasil.

2011 - 2011

3 ciclo de palestras Bioética. (Carga horária: 2h). , Faculdade de Medicina de Botucatu, FMB-UNESP, Brasil.

2010 - 2010

Simpósio de Células tronco: potencialidades, impli. (Carga horária: 12h). , Universidade de São Paulo, USP, Brasil.

2010 - 2010

Capacitação em Gestão de Sistema de Qualidade e Ge. (Carga horária: 60h). , Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP, FMB-UNESP, Brasil.

2009 - 2009

2º Seminário Paulista de Inovação e Parques Tecnol. (Carga horária: 8h). , Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP, FMB-UNESP, Brasil.

2004 - 2004

Capacitação de Instrutores Em Gestão de Qualidade. (Carga horária: 40h). , Organização Pan Americana da Saúde, OPAS, Brasil.

2003 - 2003

Extensão universitária em Gestão de Serviços de Hemoterapia. (Carga horária: 20h). , Sociedade Brasileira de Hematologia e Hemoterapia, SBHH, Brasil.

2003 - 2003

Extensão universitária em Acredutação e Controle de Qualidade Em Hemoterapia. (Carga horária: 20h). , Sociedade Brasileira de Hematologia e Hemoterapia, SBHH, Brasil.

2003 - 2003

Extensão universitária em Reações Transfusionais. (Carga horária: 4h). , Sociedade Brasileira de Hematologia e Hemoterapia, SBHH, Brasil.

2003 - 2003

Extensão universitária em Transfusões de Componentes Sangüíneos Em Onco Hema. (Carga horária: 4h). , Sociedade Brasileira de Hematologia e Hemoterapia, SBHH, Brasil.

2003 - 2003

Extensão universitária em Problemas de Imunohematologia Eritrocitária. (Carga horária: 4h). , Sociedade Brasileira de Hematologia e Hemoterapia, SBHH, Brasil.

2002 - 2002

Avanços Em Bniotecnologia e Benef Picios Em Câncer. (Carga horária: 4h). , Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.

1994 - 1994

Curso de Curta Duração. , Institut National de Transfusion Sanguine, INTS, França.

1992 - 1992

Curso de Curta Duração. , Institut National de Transfusion Sanguine, INTS, França.

1991 - 1992

Extensão universitária. , Université Paris Descartes, Paris V, França.

1987 - 1992

Estagio Laboratório de Genie Cellulaire Antc Monoc. (Carga horária: 2000h). , Institut National de Transfusion Sanguine, INTS, França.

1991 - 1991

Curso de Curta Duração. , Institut National de Transfusion Sanguine, INTS, França.

1991 - 1991

Curso de Curta Duração. , Institut National de Transfusion Sanguine, INTS, França.

1991 - 1991

Curso de Curta Duração. , Institut National de Transfusion Sanguine, INTS, França.

1990 - 1990

Curso de Curta Duração. , Institut National de Transfusion Sanguine, INTS, França.

1990 - 1990

Curso de Curta Duração. , Institut National de Transfusion Sanguine, INTS, França.

1990 - 1990

Lab Purification de Proteines Rouen. (Carga horária: 380h). , Institut National de la Santé et la Recherche Médicale, INSERM, França.

1989 - 1989

Curso de Curta Duração. , Institut National de Transfusion Sanguine, INTS, França.

1989 - 1989

Curso de Curta Duração. , Institut National de Transfusion Sanguine, INTS, França.

1989 - 1989

Curso de Curta Duração. , Institut National de Transfusion Sanguine, INTS, França.

1988 - 1988

Proteínes Plasmatiques Uv 10. (Carga horária: 40h). , Institut National de Transfusion Sanguine, INTS, França.

1988 - 1988

Curso de Curta Duração. , Institut National de Transfusion Sanguine, INTS, França.

1988 - 1988

Curso de Curta Duração. , Institut National de Transfusion Sanguine, INTS, França.

1987 - 1988

Risques Biologique Et Chimique Dans Les Laboratoir. (Carga horária: 360h). , Centre National de la Recherche Scientifique, CNRS, França.

1987 - 1987

Curso de Curta Duração. , Institut National de Transfusion Sanguine, INTS, França.

1987 - 1987

Curso de Curta Duração. , Institut National de Transfusion Sanguine, INTS, França.

1987 - 1987

Curso de Curta Duração. , Institut National de Transfusion Sanguine, INTS, França.

1987 - 1987

Controle de Qualité En Immunohematologie. (Carga horária: 360h). , Centre National de Reference Des Groupes Sanguins, CNRGS, França.

1986 - 1986

Curso de Curta Duração. , Institut National de Transfusion Sanguine, INTS, França.

1986 - 1986

Curso de Curta Duração. , Institut National de Transfusion Sanguine, INTS, França.

1986 - 1986

Curso de Curta Duração. , Institut National de Transfusion Sanguine, INTS, França.

1986 - 1986

Curso de Curta Duração. , Institut National de Transfusion Sanguine, INTS, França.

1985 - 1986

Extensão universitária. , Institut National de Transfusion Sanguine, INTS, França.

1985 - 1985

Biosecurité. (Carga horária: 160h). , Centre National de la Recherche Scientifique, CNRS, França.

1984 - 1984

Formação de Diretores de Hemocentro. (Carga horária: 160h). , Fundação de Hematologia e Hemoterapia de Pernambuco, HEMOPE, Brasil.

1982 - 1982

Estágio de Imunohematologia. (Carga horária: 160h). , Johnson e Johnson, JJ, Brasil.

1982 - 1982

Imunohematologia. (Carga horária: 160h). , Hospital do Servidor Público Estadual, HSP, Brasil.

1973 - 1973

Estágio de Técnico Em Hemoterapia. (Carga horária: 120h). , Fundação de Hematologia e Hemoterapia de Pernambuco, HEMOPE, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Bandeira representando o idioma Inglês

Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.

Bandeira representando o idioma Francês

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.

Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica/Especialidade: Hemoterapia.

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Imunologia / Subárea: Imunologia Celular.

Grande área: Ciências Biológicas / Área: Imunologia.

Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Hemoterapia/Especialidade: Biologia Celular.

Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Terapia Celular.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

DEFFUNE, E. ; Rossi-Ferreira Rosana ; NUNES, H. C. . Mini curso UTILIZAÇÃO DE CÉLULAS TRONCO E HEMOCOMPONENTES NA PRODUÇÃO DE BIOCURATIVOS. 2014. (Outro).

DEFFUNE, E. ; MOROZ, Andrei ; Rubin, P ; Mendes, FH . Workshop: Cell Therapy and Tissue Engineering. 2013. (Congresso).

Viterbo, F ; DEFFUNE, E. . II Curso de Células Tronco em Cirurgia Plástica. 2012. (Outro).

Viterbo, F ; Silva, MM ; Palhares, Aristides ; Mendes, FH ; DEFFUNE, E. . I Curso sobre Células-Tronco em Cirurgia Plástica. 2011. (Outro).

DEFFUNE, E. ; FERREIRA, Rosana Rossi ; ALVARADO, R. C. . Curso de Especialização em Segurança Transfusional. 2009. (Outro).

DEFFUNE, E. ; Cardoso, R . I Mini Curso de Clínica Transfusional. 2009. (Outro).

DEFFUNE, E. . VIII Jornada dos Programas de Aprimoramento Profissional. 2008. (Outro).

DEFFUNE, E. ; FERREIRA, Rosana Rossi ; ALVARADO, R. C. . II Simpósio de Clínica Transfusional. 2008. (Outro).

DEFFUNE, E. ; FERREIRA, Rosana Rossi ; ALVARADO, R. C. ; SPINDEL, Renato ; VILAÇA, J ; MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu . Curso de Especialização em Vigilância sanitária em Hemoterapia e Transplantes. 2008. (Outro).

DEFFUNE, E. . Curso de Atualização Terapêutica em hemoterapia. 2007. (Outro).

DEFFUNE, E. ; FERREIRA, Rosana Rossi ; ALVARADO, R. C. . Curso de Especialização em Clínica Transfusional para a Região Norte do País. 2005. (Outro).

DEFFUNE, E. ; FERREIRA, Rosana Rossi ; ALVARADO, R. C. . Curso de Especialização em Clinica Transfusional para áreas Estratégicas do país. 2003. (Outro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

Hemo 2019. VALIDAÇÃO DO ENSAIO DINÂMICO DE FAGOCITOSE: MONOCYTE MONOLAYER ASSAY (MMA). 2019. (Congresso).

Thermis Americas. Imunossensor Para Identificação De Células-Tronco Mesenquimais De Coelho. 2018. (Congresso).

XVI Jornada do Aprimoramento Profissional.Avaliação de resumos para apresentação. 2018. (Outra).

XVI Jornada do Aprimoramento Profissional.Monocyte Monolayer Assay (MMA) ensaio dinâmico de fagocitose e segurança transfusional. 2018. (Outra).

Conferência Anual Abraquev. Cultura de queratinócitos lamenares de equinos. 2017. (Congresso).

I Liga de Transplante de Órgãos Uniara.Transplantes de Órgãos, Engenharia de Tecidos e Medicina Regenerativa. 2017. (Simpósio).

VI Congresso Brasileiro de Prevenção e Tratamento de Feridas e X Congresso iberolatinoamericano de úlceras e heridas. Uso de Células tronco autólogas expandidas para o tratamento de Úlcera arterial terminar: uma nova perspectiva. 2017. (Congresso).

VI Congresso Brasileiro de Prevenção e Tratamento de Feridas e X Congresso iberolatinoamericano de úlceras e heridas. Curativos em Pacientes Portadores de Feridas Crônicas: importância da auditoriaem saúde na área de hemoterapia. 2017. (Congresso).

XI Curso Certificado de Treinamento Técnico e Científico em Banco de Olhos no Brasil.Oficina de Construção de Procedimentos Operacionais Padrão - POPs. 2016. (Outra).

XI Curso Certificado de Treinamento Técnico e Científico em Banco de Olhos no Brasil.Manual de Qualidade: o que é e como estruturar. 2016. (Outra).

XIV Jornada dos Programas de Aprimoramento Profissional (PAP) da Faculdade de Medicina de Botucatu - Saúde Personalizada e Suas Perspectivas,. 2016. (Outra).

XVIII Congress of Brazilian Society for Cell Biology. Quality assessment of scaffolds obtained from blood vessels decellularized of rabbits. 2016. (Congresso).

Hemo 2015. Avaliação de pacientes submetidos à transfusão maciça: 01/01-31/07/2015 no Hospital das Clínicas-UNESP. 2015. (Congresso).

Hemo 2015. Obtenção e preparo de anticorpo policlonal anti-Dia. 2015. (Congresso).

Hemo 2015. Avaliação de Desempenho de Colírio Usando Soro Alogênico e Fatores de Crescimento Derivados de Plaquetas em Culturas de Células do Anel Córneo-escleral. 2015. (Congresso).

Hemo 2015. Formação profissional em hemoterapia: contribuição da Faculdade de Medicina de Botucatu. 2015. (Congresso).

Hemo 2015. CORRELAÇÃO ENTRE O USO DE QUIMIOTERÁPICOS VINCRISTINA E CARBOPLATINA NA INCIDÊNCIA DE POSITIVIDADE PARA O TESTE DA ANTIGLOBULINA HUMANA DIRETO DE PACIENTES ATENDIDOS NO HOSPITAL DAS CLÍNICAS-UNESP. 2015. (Congresso).

XIII Jornada de AprimoramentoProfissional da FMB. 2015. (Outra).

XIII Jornada de AprimoramentoProfissional da FMB.Avaliador de trabalhos científicos da jornada. 2015. (Outra).

Hemo 2014. PERFIL DAS SOLICITAÇÕES DE TRANSFUSÃO CARACTERIZADAS POR GRAU DE PERDA VOLÊMICA NO HEMOCENTRO DE BOTUCATU?HC/FMB/UNESP. 2014. (Congresso).

XII JORNADA DOS PROGRAMAS DE APRIMORAMENTO PROFISSIONAL DA FACULDADE DE MEDICINA DE BOTUCATU ? UNESP.Feedback do Programa de Aprimoramento em Hemoterapia. 2014. (Outra).

XVIII Sipat da UNESP de Jaboticabal.Agentes Biológicos e Biossegurança no Trabalho. 2014. (Simpósio).

XXI Semana da Biologia de Bauru.UTILIZAÇÃO DE CÉLULAS TRONCO E HEMOCOMPONENTES NA PRODUÇÃO DE BIOCURATIVOS. 2014. (Encontro).

2 Encontro de profissões.Profissão pesquisador. 2013. (Encontro).

2 Encontro de Profissões.Carreira de Pesquisador na área da saúde. 2013. (Encontro).

Congresso Brasileiro de Hematologia, Hemoterapia e Terapia Celular. Correlação do número de bolsas de concentrado de hemácias solicitados com valores de hemoglobina dos pacientes do HC-FMB. 2013. (Congresso).

Congresso Brasileiro de Hematologia, Hemoterapia e Terapia Celular. Análise do perfil das solicitações de transfusãi de hemocomponentes enviads à agência transfusional do hemocentro de Botucatu. 2013. (Congresso).

Hemo 2013. Análise do perfil das solicitações de transfusão de hemocomponentes enviadas à AT do Hemocentro de Botucatu-HC-FMB-UNESP. 2013. (Congresso).

Hemo 2013. Correlação do número de bolsas de concentraqdos de hemácias solicitados com os valores de hemoglobina dos pacientes do HC da FMB. 2013. (Congresso).

IV Congresso Brasileiro de feridas. Avaliação da Eficácia dos biocurativos em ratos Wistar com lesões de pele causadas por queimamaduras. 2013. (Congresso).

IV Congresso Brasileiro de Feridas. Uso de biocurativos em UP. 2013. (Congresso).

IV Congresso Brasileiro de Feridas. IMPACTO DA DIVULGAÇÃO DA PESQUISA SOBRE BIOCURATIVOS E AVALIAÇÃO PSICOSOCIAL DOS PACIENTES. 2013. (Congresso).

Jornada do Aprimoramento Profissional PAP-FUNDAP.Anatomia do Erro Transfusional. 2013. (Outra).

Jornada do Aprimoramento Profissional PAP-FUNDAP.Aprimoramento em Hemoterapia. 2013. (Outra).

VI Conince - Eduvale. Produção de anticorpos monoclonais murinos contra antígenos de S. aureus resistentes à meticilina. 2013. (Congresso).

Vigésima Semana de Biologia.Desenvolvimento e Inovação Tecnológica em Hemoterapia: produção de hemocomponentes especiais. 2013. (Outra).

XI Jornada dos programas de aprimoramento profissional da Faculdade de Medicina de Botucatue.Aprimoramento em Hemoteapia. 2013. (Outra).

XI Jornada dos programas de apromiramento profissional da Faculdade de medicina de Botucatu.Anatomia do Erro Transfusional. 2013. (Outra).

XVIII Congresso da Sociedade Brasileira de Cirurgia Torácica. Avaliação ex-vivo da viscoelasticidade de traquéias de ratos reconstruídas por engenharia de tecidos em abiente de avaliação por imagem. 2013. (Congresso).

XXV Congresso de Iniciação Científica da Unesp. Uso de curativos Bioativos no tratamento de feridas crônicas. 2013. (Congresso).

10th International Congress on Cell Biology. Characterization of culture expanded multipotent mesenchymal stromal cells from equine adipose tissue. 2012. (Congresso).

10 th International Congress on Cell Biology. Finasteride treatment downregulates fibronectin-induced MMP-2 and MMP-9 activitties in human prostatic epithelial cells. 2012. (Congresso).

15 Encontro Nacional de Biomedicina.Terapia Celular e Medicina Regenerativa. 2012. (Encontro).

2CPCB. Terapia Celular em Feridas Crônicas. 2012. (Congresso).

41st Annual Scientific Meeting of the ISEH Society for Hematology and Stem Cells. Isolation and Characterization of equine peripheral blood-derivated multipotent mesenchymal stromal cells. 2012. (Congresso).

Encontro Nacional de Biomedicina.Células Tronco. 2012. (Encontro).

V Congreso Iberolatinoamericano sobre ulceras y heridas. Biotecnologia y Hemoterapia: un desafio en la production de hemocomponentes especiales para el tratamiento de heridas cronicas. 2012. (Congresso).

V congreso iberolationamericano sobre ulceras y heridas. Membrana Transdérmica de Liberacion controlada utilizando Plasma Fresco Congelado y Concentrado de Plaquetas. 2012. (Congresso).

Workshop: O impacto da Biotecnologia na Terapia Celular.Experiência do Laboratório de Engenharia Celular de Botucatu em Terapia Celular. 2012. (Outra).

XIII Conferência Anual da ABRAVEQ. Avaliação clínica e ultrassonográfica da indução experimental da tendinite equina. 2012. (Congresso).

Ciencia ao Cair da tarde: Neuroproteção, células tronco e lesão neurológica do glaucoma. 2011. (Outra).

Congresso de Iniciação Científica da UNESP. Avaliador de Trabalhos. 2011. (Congresso).

ICTE 2011. Experimental model of neotrachea in rabitts using tissue engineering techniques. 2011. (Congresso).

20th European Tissue Repair Society Congress. 2010. (Congresso).

AABB Annual Meeting. Immunogenic potential of bioactive dressings: aspects immunohematology and evaluation of immunization against erythrocyte, leucocytes and platelet antigens.. 2010. (Congresso).

Congresso Brasileiro de Células Tronco e Terapia Celular. Comparação de diferentes protocolos de descelularização de traquéias de coelhos para produção de arcabouços biológicos. 2010. (Congresso).

ENBM. Mini-Curso Células tronco. 2010. (Congresso).

Hemo 2010. Caracterização de anticorpos monoclonais anti-N e análise de exzpressão fenotípica por citometria de fluxo. 2010. (Congresso).

VI ENCONTRO DE PÓS-GRADUAÇÃO DA ACULDADE DE MEDICINA UNESP.HISTOLOGICAL EVALUATION OF UROTHELIAL ADHESION CELLS FROM RABBIT BLADDER IN HETEROLOGOUS ACELLULAR MATRIX AS SCAFFOLD FOR IMPLANTATION IN RABITT URETHRA. 2010. (Encontro).

Hemo 2009. Estudo comparativo da capacidade dialítica de membrana biológica home made versus comercial. 2009. (Congresso).

sipat 2009.Biossegurança. 2009. (Simpósio).

VII Semana de Enfermagem.Biossegurança na área Hospitalar. 2009. (Simpósio).

World Association for the Advancement of Veterinary Parasitology. Production and characterization of monoclonal antibodies agains taenia saginata metacestode antigens. 2009. (Congresso).

XVII Simpósio Nacional de Bioprocessos.Identificação de Características Metabólicas Chave de um Hibridoma Visando a Produção de um Anticorpos Monoclonal de Uso hemoclassificatório. 2009. (Simpósio).

3 Simpósio Multidisciplinar de Célula Tronco. 2008. (Simpósio).

AABB Congress 2008. Brazilian Experience in Large Scale Hemotherapy Training. 2008. (Congresso).

Congresso Brasileiro de Hematologia e Hemoterapia - Hemo 2008. Benefícios e desvantagens do uso de anticorpos monoclonais em imunohematologia. 2008. (Congresso).

VIII curso certificado de treinamento científico em Banco de Olhos.Procedimentos Operacionais Padrão em BTOC: como fazer?. 2008. (Outra).

VIII CURSO CERTIFICADO DE TREINAMENTO CIENTÍFICO EM BANCO DE OLHOS.Biossegurança em BTOC. 2008. (Outra).

AABB congress. Evaluation of National Externaal QA Program - Immunohematology(NEQAP-IH)- in Brazilian Blood Banks. 2007. (Congresso).

Congresso ANALITICA Latin América. Controle de Qualidade de Testes Sorológicos para o laboratório clínico. 2007. (Congresso).

Congresso ANALÍTICA LATIN AMERICA. Biossegurança Aplicada a Laboratórios de Saúde Pública. 2007. (Congresso).

Curso de Pós-Graduação em Medicina Veterinária.Hemoterapia nos Distúrbios de Hemostasia. 2007. (Outra).

Hemo 2007. Determination of class and subclass isotypes in murine monoclonal antibodies by flow cytometry using BD bead array mouse Immunoglobulin isotyping kit. 2007. (Congresso).

III Encontro da Pós-graduação da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP.Toxic effect of F protein derived from the respiratory sincicial virus over human and rodent cells. 2007. (Encontro).

III Encontro de Pós-graduação da Faculdade de Medicina de Botucatu.Avaliação dos resumos e trabalhos apresentados. 2007. (Encontro).

III Encontro de Pós-graduação da Faculdade de Medicina UNESP.Serologic identification of partial D and weak D phenotypes in rotine test and with ID-partial RH-D atyping kit and ists possible relation with RH(CE) and Kell phenotypes in patients and blood donors of Hemocentro Botucatu. 2007. (Encontro).

III Encontro de Pós-Graduação da Faculdade de Medicina UNESP.Determination of Class and subclass of isotypes in murine monoclonal antibodies by flow cytometric bead array mouse immunoglobulin isotyping kit. 2007. (Encontro).

III Encontro de Pós-Graduação da Faculdade de Medicina -UNESP.Cell counting of hybridomas and myelomass culture:avaliation by automatic counter and tryplan blue. 2007. (Encontro).

II Simpósio Internacional Terapias Avançadas & Células-tronco.Platelet gel: scaffold for cartilage tissue engineering. 2007. (Simpósio).

II Simpósio Internacional Terapias Avançadas & Células-tronco.Effect of autologous platelet-rich plasma on cell viability of rabitt articular chondrocytes in three dimensional alginate cultures. 2007. (Simpósio).

I Jornada de Hemoterapia - COLSAN/UNIFESP.Controle de Qualidade em Imunohematologia. 2007. (Simpósio).

I Simpósio de Hematologia e Hemoterapia do Hemomar.Leucorredução universal. 2007. (Simpósio).

I Simpósio de Hematologia e Hemoterapia do Hemomar.Uso racional do sangue, hemocomponentes e hemoderivados. 2007. (Simpósio).

I Simpósio de Hematologia e Hemoterapia do Hemomar.Reações Adversas às doaçoes de sangue. 2007. (Simpósio).

Reunião Técnica com a Fundação do Remédio Público-FURP.Aspectos produtivos dos hemocomponentes de uso tópico: gel de plaquetas e cola de fibrina home made. 2007. (Encontro).

Hemo 2006. Hemo 2006. 2006. (Congresso).

IV International Symposium on Extracellular Matrix.IV International Symposium on Extracellular Matrix. 2006. (Simpósio).

IX Simpósio Brasileiro de Matriz Extracelular.IX Simpósio Brasileiro de Matriz Extracelular. 2006. (Simpósio).

VII Jornada de Saúde da XI BRIGADA DE INFANTARIA DE CAMPINAS.VII Jornada de Saúde da XI BRIGADA DE INFANTARIA DE CAMPINAS. 2006. (Seminário).

XIII Congresso da Sociedade Brasileira de Biologia Celular. XIII Congresso da Sociedade Brasileira de Biologia Celular. 2006. (Congresso).

Bases Gerais da Cirurgia - FMB.Biossegurança. 2005. (Seminário).

Bases Gerais da Cirurgia - FMB - Disciplina de Gerenciamento do Risco Sanitário-.Segurança Transfusional. 2005. (Seminário).

Curso de Capacitação em Hemoterapia.Treinamento em Hemoterapia. 2005. (Outra).

Curso de Capacitação na Gestão de Sistema de Qualidade para Serviços de Hemoterapia.Gestão de Risco na área de Hemoterapia. 2005. (Seminário).

Hemo 2005 ( Congresso Brasileiro de Hematologia e Hemoterapia). Qualificação da força de trabalho brasileira na área de Hemoterapia. 2005. (Congresso).

Hemo 2005 ( Congresso Brasileiro de Hemtaologia e Hemoterapia). Gel de plaquetas: Métodos de Preparação. 2005. (Congresso).

Simpósio Internacional de Hemoterapia.Reações Transfusionais Imunomediadas. 2005. (Simpósio).

Treinamento em Clínica Transfusional.Coordenadora do curso de Especialização em Hemoterapia conveniado com ANVISA. 2005. (Outra).

VIII Semana da Bio. Biossegurança. 2005. (Congresso).

XIII Encontro Nacional da Associação Brasil-Japão de Pesquisadores.Células Tronco. 2005. (Encontro).

@nd International Symposium on Residue Management in Universities. Management of health service residue - Municipal Hospital of Maringá. 2004. (Congresso).

13 Congresso Médico Acadêmico de Botucatu. Palestrante: Células tronco na regeneração do tecido ósseo. 2004. (Congresso).

Congresso Brasileiro de Hematologia e Hemoterapia. Palestrante: Biossegurança em sorologia. 2004. (Congresso).

Congresso Brasileiro de Hematologia e Hemoterpia. Congresso Brasileiro de Hematologia e Hemoterapia. 2004. (Congresso).

Disciplina de PG Imuno-histoquímica na Medicina Veterinária.Palestrante: Produção de anticorpos monoclonais: uso em imuno-histoquímica veterinária. 2004. (Outra).

Hemo 2004. Conferencista: Biossegurança em sorologia. 2004. (Congresso).

Hemo 2004. Relato de Caso: Gravidez com presença de anti-PP1PK X tratamento isntituído. 2004. (Congresso).

Introdução à Metodologia Científica.Biossegurança na área Hospitalar. 2004. (Oficina).

V Jousc.Avaliação da quantidade de osteoblastos provenientes de cultura celular de stem cell sobre diferentes superfícies de titânio. 2004. (Outra).

XII Congresso da Sociedade Brasileira de Biologia Celular e IX Congresso da Sociedade Iberoamericana de Biologia Celular. Quantity evaluation of stem cells cultured on different titanium surefaces. 2004. (Congresso).

XVI Jornada Cascavelense de Enfermagem.Gerenciamento de Resíduos de serviços de saúde - Hospital municipal de Maringá. 2004. (Outra).

.Organizadora do I Curso de Clínica transfusional. 2003. (Outra).

6Encontro Regional de Biomedicina.Freqüência fenotípica dos sitemas de grupos sangüíneos ABO, Rh e sub-grupos de A1 e A2 em doadores de sangue do Hemocentro de Botucatu-SP. 2003. (Encontro).

6 Encontro Regional de Biomedicina.Conferencista de mini curso: Biossegurança em Laboratórios. 2003. (Encontro).

Congresso Brasileiro de Hematologia de Hemoterapia. Hemolysins anti-A and anti-B frequency in blood donors from the hemotherapy center Unesp Botucatu. 2003. (Congresso).

Congresso Brasileiro de Hematologia e Hemoterapia. Correlação entre nmíveis de CD4/CD8 e terapia anti-retroviral utilizada por pacientes portadores de HIV de Botucatu-SP. 2003. (Congresso).

Congresso Brasileiro de Hematologia e Hemoterapia. Desenvolvimento do controle isotípico fluoroceinado para uso em citometria de fluxo. 2003. (Congresso).

Congresso Brasileiro de Hematologia e Hemoterapia. Ouvinte: Congresso Brasileiro de Hemtatologia e Hemoterapia. 2003. (Congresso).

Curso de Introdução ao Sistema de Saúde no Brasil: SUS.Biossegurança. 2003. (Outra).

Curso introdutório de Biossegurança para internos da Faculdade de medicina de Botucatu.Curso sobre Biossegurança aos internos do 5 e 6 séries do ano letivo de 2003. 2003. (Seminário).

Disciplina de Biossegurança e Bioética.Disciplina de Biossegurança e Bioética. 2003. (Outra).

II Simpósio Brasileiro de Óleos Essenciais: Diagnósticos e Perpectivas. Toxicological study of clove oil both before and after clean up by phase extraction(SPE) and its effects in cell culture. 2003. (Congresso).

Mestrado Profissionalizante.Disciplina Mestrado Profissionalizante:Imunobiotecnologia aplicada à Transfusão. 2003. (Outra).

Mestrado Profissionalizante Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médica.Disciplina na PG: Engenharia Celular. 2003. (Outra).

Projeto Inovação em Saúde.Painel de Especialistas em Reagentes para Diagnóstico- Reagentes para Diagnóstico nos Serviços de Hemoterapia no Brasil. 2003. (Outra).

Seminário Blood Bags Centrifugation, review, news and actualization.Ouvinte: Blood Bags Centrifugation, review, news and actualization. 2003. (Seminário).

Seminários em Medicina Intensiva.Conduta no Distúrbio de Coagulação do Paciente Crítico. 2003. (Seminário).

Treinamento em Biossegurança para Médicos.Curso de Biossegurança para Médicos Residentes do Hospital das Clínicas. 2003. (Outra).

VI Oficina de trabalho dos Laboratórios da rede CD4/CD8 do Ministério da Saúde.Palestrante: Compromisso social e combate à violência urbana: pequena experiência do Hemocentro de Botucatu. 2003. (Oficina).

VI Oficina de trabalho dos Laboratórios da rede CD4 do Ministério da Saúde.Palestrante: mini curso 4 h: Biossegurança em Laboratórios. 2003. (Oficina).

V Simpósio de Hemoterapia: Uso clínico do sangue.Palestrante: Reações transfusionais Imunológicas. 2003. (Simpósio).

V Simpósio Internacional de Hemoterapia.Palestrante: Reações Transfusionais Adversas Imunomediadas. 2003. (Simpósio).

XV Congresso de Iniciação Científica - Unesp de Marília. Comparação do efeito tóxico dos óleos de cravo bruto e após clean-up focalizando o eugenol em cultura de células epiteliais. 2003. (Congresso).

.Identificação de Anticorpos Irregulares anti-eritrocitários em Doadores de Sangue deo Hemocentro de Botucatu. 2002. (Simpósio).

25Congresso Brasileiro de Hematologia e Hemoterapia. Identificação de Alo-Anticorpos anti-Plaquetários. 2002. (Congresso).

27Th Congress of the International Society of Blood Transfusion. 27Th Congress of the Internacional Society of Blood Transfusion. 2002. (Congresso).

Biossegurana e Pesquisa.Biossegurança e Pesquisa. 2002. (Outra).

Biossegurança da Disciplina Fundamentos Animal.Curso de Pós-graduação em pediatria, na qualidade de palestrante.. 2002. (Outra).

Ciclo de Palestras no Hemocentro.Palestra: Sistema Automatizado de Coleta de Hemoomponentes - TRIMA e Processador de Células cobe 2991.. 2002. (Outra).

Ciclo de Palestras no Hemocentro.Palestra: O Doente, o Médico, a Família, o Político e o livre arbítrio.. 2002. (Outra).

Comissão de Acompanhamento e Avaliação do Plano de Gerenciamento de Resíduos sólidos do complexo FMB.Participação em Mesa Redonda: Gerenciamento de RSS - Experiência de Botucatu. 2002. (Outra).

Curso: Anticorpos Monoclonais.Palestrante do Mini Curso: Anticorpos Monoclonais dentro da I Semana dos Aprimorandos de Botucatu. 2002. (Seminário).

Curso de Biossegurança para Médicos Residentes.Curso de Biossegurança para Médicos Residentes. 2002. (Outra).

Curso de Introdução ao Sistema de Saúde no Brasil: O Sistema Único de Saúde(SUS) do Programa PAP-FUNDAP.Curso de Biossegurança aos Alunos do PAP-FUNDAP - Curso de Introdução ao Sistema de Saúde no brasil: O Sistema Único de Saúde(SUS). 2002. (Outra).

Disciplina do Mestrado Profissionalizante Pesquisa e Desenvolvimento-Biotecnologia Médica.Disciplina de Biologia Celular do Mestrado Profissionalizante Pesquisa e Desenvolvimento- Biotecnologia Médica. 2002. (Outra).

Jornada da Associação dos Aprimorandos da Fundap -Unesp de Botucatu.Palestrante Mini-curso - Biossegurança em Laboratório - carga horária de 20h 22/11/2002. 2002. (Simpósio).

Jornada dos Programas de Aprimoramento Profissional.Controle de Qualidade nos Serviços de Hemoterapia. 2002. (Seminário).

Mestrado profissionalizante Pesquisa e Desenvolvimento - Biotecnologia Médica.Disciplina de Imunohematologia. 2002. (Outra).

Mestrado Profissionalizante Pesquisa e Desenvolvimento-Biotecnologia Médica.Disciplina : Imunobiotecnologia e Transfusão Sanguüínea. 2002. (Outra).

mini-curso no 25 Congresso Brasileiro de Hematologia e Hemoterapia. Importância do Diagnóstico Imunohematológico de anticorpos de especificidade anti-HTLA. 2002. (Congresso).

Palestra de Biossegurança.Palestra sobre Biossegurança aos Internos do 5 e 6 séries.. 2002. (Outra).

Transfusão Sanguínea: Análise Crítica - Disciplina de Morbilidade e Mortalidade no Intra-Operatório e na sala de Pós-Anestesica.Programa de Pós-graduação em Anestesiologista, na qualidade de Palestrante. 2002. (Outra).

Transfusão Sangüínea - Análise Crítica.Curso de Pós-graduação da Anestesiologia da FMB. 2002. (Simpósio).

Treinamento Básico em Vigilância Sanitária de Serviços Hemoterápicos.Biossegurança e Gerenciamento de Resíduos em Serviços de Hemoterapia. 2002. (Simpósio).

Treinamento em Serviço da Faculdade de Odontologia de Araçatuba - UNESP.Biossegurança e gerenciamento de Resíduos Sólidos da Saúde. 2002. (Oficina).

.Palestrante: Indicações e Contra-indicações das transfusões de Sangue. 2001. (Simpósio).

26Th Congress of the International Society of Blood Transfusion. 26Th Congress of the Internacional Society of Blood Transfusion. 2001. (Congresso).

Conselho Evangélico de Botucatu/ Captação de Doadores de Sangue: um ato de cidadania.Conselho Evangélico de Botucatu. 2001. (Encontro).

I Jornada Acadêmica de Hematologia e Hemoterapia.Palestra:Aspectos éticos na transfusão de sangue. 2001. (Simpósio).

Simpósio da UNIMED Sorocaba.Biossegurança. 2001. (Seminário).

25Th Congress of the International Society of Blood Transfusion. 25Th Congress of the International Society of Blood Transfusion. 2000. (Congresso).

53rd Annual Meeting - AABB congress. 53RD Annual Meeting - AABB Congress. 2000. (Congresso).

XXIV Congresso Brasileiro de Hematologia e Hemoterapia. Participou na qualidade de Palestrante. 2000. (Congresso).

XXIV Congresso Brasileiro de Hematologia e Hemoterapia. XXIV Congresso Brasileiro de Hematologia e Hemoterapia. 2000. (Congresso).

1 Sipat (Semana de prevenção de acidentes do trabalho).Sipat. 1999. (Outra).

lixo hospitalar riscos ocupacionais.mesa redonda. 1999. (Outra).

XXVI Congresso Brasileiro de Análises Clínicas. Congresso Brasileiro. 1999. (Congresso).

XXVI Congresso Brasileiro de ANalises clínicas citologia e citoquimica de medula ossea em pacientes com LMA: treinamento e reclassificação de 50 casos no período de 1990 a 1997. Congresso. 1999. (Congresso).

XXVI Congresso Brasileiro de analises clinicas tipagem HLA - classe II de pacientes portadores de Diabetes Mielitus Insulino - dependentes. Participação. 1999. (Congresso).

XXVI Congresso de Analises Clínicas ciclo de atividades cientificas do congresso. Participante. 1999. (Congresso).

Bioética e Biossegurança.curso de pós-graduação da USC/Bauru. 1998. (Outra).

Biossegurança para Laboratórios.Biossegurança para Laboratórios. 1998. (Outra).

Biosseguranca primeira semana de biossegurança do Cepon.Biossegurança. 1998. (Outra).

Curso Preparatório para Novos Inspetores em Unidade Hemoterápicas.Curso. 1998. (Outra).

I Workshop sobre Meta Mobilizadora Nacional do Setor da Saúde.I Workshop sobre Meta Nacional do Setor da saúde Sangue - 100% com garantia de qualidade em todo o seu processo até 2002. 1998. (Outra).

VII International Congress of the World apheresis. VII International Congress of the World Apheresis Association - WAA. 1998. (Congresso).

XXIII Congresso Brasileiro de Hematologia e Hemoterapia. XXIII Congresso Brasileiro de Hematologia e Hemoterapia. 1998. (Congresso).

Biossegurança para Laboratórios.Biossegurança para Laboratórios. 1997. (Outra).

Curso de Hemoterapia Clínica.Curso. 1997. (Outra).

Curso de Treinamento para Fiscais da VBigilância Sanitária Estadual.Biossegurança em Hemoterapia. 1997. (Outra).

Encontro Regional de Biomedicina.Conferência: Evolução da biomedicina: Apocalipse ou Apoteose?. 1997. (Encontro).

I Encontro HEMORIO de Qualidade 13/11/1997.Participação em Mesa Redonda com o tema:Experiências e Resultados do Programa de Qualidade em Hemoterapia. 1997. (Encontro).

I Simpósio de Segurança em Laboratórios.Biossegurança em Laboratório Clínico. 1997. (Simpósio).

O pró-Hemo e sua importância para o desenvolvimento de Produção Internas de Hemoderivados no Brasil..Curso - O Pró-Hemo e sua importância para o Desenvolvimento de Produção Internas de Hemoderivados no Brasil. 1997. (Outra).

Palestra de Qualidade.Palestra - Qualidade. 1997. (Outra).

Quality Engineering/ GMP.Train the trainer program - Quality Program. 1997. (Outra).

Reprodução Animal.Biossegurança e Ética na Clonagem animal. 1997. (Encontro).

Seminário da Bioética.Seminário de Bioética - Tema: Bioética e Manipulação Genética Botucatu - Núcleo de Recursos Humanos da CESP. 1997. (Seminário).

Seminário de Bioética.Seminário de Bioética - procedimentos éticos no Hemocentro. 1997. (Seminário).

Seminario Franco - Brasileiro.Seminário Franco - Brasileiro. Para profissionais da hemorrede Pública, nas areas de Hematologia, Hemoterapiua e Gestão de Banco de Sangue. 1997. (Seminário).

Curso de Biossegurança.Curso de Biossegurança para Funcionários da Dir XI -Botucatu. 1996. (Outra).

Cursos de multiplicadores em Imunolofgia Eritrocitária..Cursos de multiplicadores em Imunohematologia Eritrocitária. 1996. (Outra).

Formação de Facilitadores.Programa de Capacitação de Rh em Biossegurança. 1996. (Outra).

III Reunião Científica do Instituto Adolf Lutz.III Reunião do Instituto Adolfo Lutz. 1996. (Outra).

II Simpósio de Gestão pela Qualidade Total em Hematologia e Hemoterapia..II Simpósio de Gestão pela Qualidade Total em Hematologia e Hemoterapia.. 1996. (Outra).

Implantação do Programa 5 S Hemocentro de Botucatu: Sorologia, Hemostasia, Bioquimica Eritrocitária, Hematologia, Biol. Molecular, Coleta e Transfusão, CXomponentes Lábeis, Captação e Recrutamento de Doadores, Informática , Administração e Pessoal da Limp.Curso de Qualidade. 1996. (Outra).

Palestra de Biossegurança.Palestra Biossegurança. 1996. (Outra).

Proteção do Trabalho e Meio Ambiente.Workshop - Especialização em Biossegurança - Proteção do trabalho e Meio Ambiente. 1996. (Outra).

XVI Seminário de Propriedades intelectual.XVI seminário Nacional de Propriedades Intelectual.. 1996. (Outra).

XXII Congresso Brasileiro de Hematologia e Hemoterapia.XXII Congresso Brasileiro de Hematologia e Hemoterapia.. 1996. (Outra).

5th Regional(4th European) Congress ISBT. 5th Regional (4th European) Congress. 1995. (Congresso).

Biossegurança.curso de Biossegurança no HEMOMINAS. 1995. (Outra).

Curso de Atualização em Clínica Transfusional.Curso Atualização em Clínica Transfusional. 1995. (Outra).

Curso de Biossegurança na área de hemoterapia.Curso de Biossegurança para o Hemocentro de Ribeirão Preto. 1995. (Outra).

Transfusão e Ética - Congresso do Colégio Brasileiro de Hematologia. Participação em Mesa Redonda. 1995. (Congresso).

Treinamento em Serviço.Curso de Biossegurança para o Centro Hemoterápico de Blumenau. 1995. (Outra).

Treinamento em Serviço no Hemocentro de Manaus.Curso de Biossegurança HEMOAM. 1995. (Outra).

Viro-inativação de Hemocomponentes - simposio Internacional de HTLV/II.Sinmpósio Internacional de HTVLI/II. 1995. (Simpósio).

X Reunião Anual da Federação de Sociedades de Biologia Experimental..X Reunião Anual da Federação de Sociedades de Biologia Experimental.. 1995. (Outra).

II Jornada de Hemoterapia e Hematologia da Fundação Hemominas.II Jornada de hematologia e Hemoterapia da Fundação Hemominas - II Encontro dos Ex-residentes do Serviço de Hematologia do Hospital Felicio Rocho.. 1994. (Outra).

XXI Congresso de Hematologia e Hemoterapia. XXIV Congresso de Hematologia e Hemoterapia. 1994. (Congresso).

Treinamento em Serviço no Hemocentro de Botucatu.Oficina de Qualidade, Bioética e Biossegurança. 1993. (Oficina).

XVIII Jornada Cientifica da Associação dos Docentes.XVII Jornada Cientifica da Associação dos Docentes. 1993. (Outra).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

Aluno: Paula Franco Oba

DEFFUNE, E.; GOLIM, M. A.. Resposta imune à vacina contra hepatite B com suplementação de bea glucana. 2020. Dissertação (Mestrado em MP-Pesq. e Desenolv. em Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP.

Aluno: Eduarda Aguilhar Chaparro

DEFFUNE, E.; BERTANHA, M.; Inácio, JC. Soro Autólogo de Uso Ocular: Enfoque em Medicina Personalizada. 2019. Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina UNESP de Botucatu.

Aluno: Suelen Assunpção Nishio

DEFFUNE, E.; FELIX, RENATO G.; Inácio, JC. Desenvolvimento de Imunossensor ára a detecção de Hemorragia feto-materna(HFM). 2019. Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina UNESP de Botucatu.

Aluno: Annalú Pinton Ferreira

Brandão, CVS;DEFFUNE, E.; Perches, CS. Uso do Plasma Rico em Plaquetas Autologo e alogenico aquecido no tratamento de ceratite ulcerativa em cães. 2019. Dissertação (Mestrado em Biotecnologia Animal) - Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia.

Aluno: Talita Isaac Martins

DEFFUNE, E.; BERTANHA, M.; SOUZA, APARECIDA VITÓRIA GONÇALVES DE. Meio de cultura condicionado, rico em fatores de crescimento secretado por células tronco mesenquimais, para enriquecimento dos biocurativos. 2018. Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médca) - Faculdade de Medicina de Botucatu.

Aluno: Nadja Guazzi Arenales Alves

DEFFUNE, E.; Beani, L; Fekete, SMW. Transfusões de concentrados de hemácias em recém-nascidos de muito baixo peso. 2018. Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médca) - Faculdade de Medicina de Botucatu.

Aluno: Valdir de Carvalho Campos

Rossi-Ferreira Rosana; T.;DEFFUNE, E.. Imprevisibilidade à Luz da Ética e do Direito na profissão do médico cirurgião. 2018. Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médica) - Faculdade de Medicina de Botucatu.

Aluno: Ana Carolina Picolo Pasian

Rossi-Ferreira Rosana; Golim, M.A.;DEFFUNE, E.. Análise da contribuição do LED no comprimento de onda de 850nm, pulsátil na cultura de célula tronco mesenquimal sobre diferentes scaffolds. 2017. Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médca) - Faculdade de Medicina de Botucatu.

Aluno: Nadja Guazzi Arenales Alves

DEFFUNE, E.; Fekete, SMW; Pelicia, SMC. Transfusões de hemocomponentes em recém-nascidos e suas correlações clínicas. 2017. Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médca) - Faculdade de Medicina de Botucatu.

Aluno: Talita Isaac Martins

DEFFUNE, E.; BERTANHA, M.; GOLIM, M. A.. Meio de cultura condicionado, rico em fatores de crescimento secretado por células tronco mesenquimais. 2017. Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médca) - Faculdade de Medicina de Botucatu.

Aluno: Isabele Silveira Rosa

DEFFUNE, E.; BERTANHA, M.; DANIELI, MARCUS VINICIUS. Obtenção, Indicadores de Qualidade e Propriedades dos Hormônios Derivados de Plaquetas Humanas pela Técnica de Lisado Plaquetário. 2016. Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médca) - Hemocentro do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu-.

Aluno: Rafael Silva Cardoso

DEFFUNE, E.; Rossi-Ferreira Rosana; Filadelpho, AL. Avaliação do impacto hematológico na dinâmica do ferro em doadores de sangue submetidos à coleta automatizada de células- aférese, de duplo concentrado de hemácias do hemonúcleo de um hospital oncológico.. 2016. Dissertação (Mestrado em MP-Pesq. e Desenolv. em Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP.

Aluno: Ana Cláudia Simões

DEFFUNE, E.; CUNHA, M. L. R.; DELELLA, FLÁVIA K.. Obtenção de anticorpos monoclonais murinos contra antígenos do Staphylococcus aureus resistente à meticilina por imunização subtrativa. 2015. Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento:Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Mecidina UNESP-Botucatu.

Aluno: Nivia Maria Ortiz Paludetto

ROSSI-FERREIRA, RosanaBITTENCOURT, R. A.DEFFUNE, E.. Implantação de gestão da qualidade no serviço de hemoterapia em um hospital público do estado de São Paulo. 2015. Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento:Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Mecidina UNESP-Botucatu.

Aluno: Greyce Roberta de Souza

Delella, FK;DEFFUNE, E.; FELISBINO, S.. Estudo do potencial migratório de células tumorais prostáticas exposta à fibronectina. 2015. Dissertação (Mestrado em Biologia Geral e Aplicada) - Instituto de Biociências de Botucatu - UNESP.

Aluno: Heloisa Vicente Garcia

DEFFUNE, E.; Salvadori, DMF; Inada NM. Bioestimulação de célula-tronco mesenquimal de rato sob ação da luz cont[ínua e pulsátil de 630 nm utilizando LED. 2015. Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento:Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Mecidina UNESP-Botucatu.

Aluno: Woner Mion

DEFFUNE, E.GOLIM, Marjorie de Assis; Inada NM. Foto seleção de Mielomas e Hibridomas murinos na produção de Anticorpos Monoclonais. 2014. Dissertação (Mestrado em Pesquisa e desaenvolvimento: biotecnologia médica) - Hemocentro do Hospital das Clínicas da FMB-UNESP.

Aluno: Juliana Ravelli Baldassarre Martins

DEFFUNE, E.; Rinaldi, Jaqueline; Hata, Magda. Avaliação do desempenho de colírio usando soro alogênico e fatores de crescimento derivados de plaquetas em cultura de células do anel córneo-escleral. 2014. Dissertação (Mestrado em Pesquisa e desaenvolvimento: biotecnologia médica) - Hemocentro do Hospital das Clínicas da FMB-UNESP.

Aluno: Simone da Silva Ferreira

DEFFUNE, E.ROSSI-FERREIRA, Rosana; Alves, FLMC. Estudo de fase clínica I utilizando membrana de quitosana dopada com hormônios derivados de plaquetas. 2014. Dissertação (Mestrado em MP-Pesq. e Desenolv. em Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP.

Aluno: Simone da Silva Ferreira

DEFFUNE, E.; SOUZA, Aparecida Vitoria Gonçalves de; Silva, L. Estudo de fase clínica I utilizando membrana de quitosana dopada com hormônios derivados de plaquetas. 2014. Dissertação (Mestrado em MP-Pesq. e Desenolv. em Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP.

Aluno: Henrique de Souza Vioeira

ROSSI-FERREIRA, Rosana; GOLIM, M. A.;DEFFUNE, E.. Estudo Comparativo de citocinas anti-inflamatórias em células tronco mesenquimais cultivadas com cordia ecalyculata e biocurativos. 2014. Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu - UNESP.

Aluno: Renato Gonçalves Felix

DEFFUNE, E.; YOO, Hugo Hyung Bok; Teixeira, LR. Contribuição da terapia celular com células tronco em fibrose pulmonar em ratos. 2013. Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento:Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Mecidina UNESP-Botucatu.

Aluno: Gislaine Aparecida Querino

DEFFUNE, E.; Maria de Lourdes R. S. da Cunha; Dalpino, FB. Produção de anticorpo monoclonal murino dirigido contra a PBP2a do S. aureus resistente à meticilina. 2013. Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento:Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Mecidina UNESP-Botucatu.

Aluno: Lais Roncalho de Lima

Ribeiro, SJL;DEFFUNE, E.; Caiut, JMA. Imobilização da fibroína da seda em filmes nanoestruturados em junção de peptídeos antigênicos e nanopartículas para aplicação em imunossensores. 2013 - Instituo de Química de Araraquara.

Aluno: Juliana Ravelli Baldassare Martins

DEFFUNE, E.; Shiguematsu, A.I.;MOROZ, Andrei. Avaliação do desempenho de colírio usando soro alogênico e fatores de crescimento derivados de plaquetas em cultura de células do anel córneo-escleral. 2013. Dissertação (Mestrado em Pesquisa e desaenvolvimento: biotecnologia médica) - Hemocentro do Hospital das Clínicas da FMB-UNESP.

Aluno: Nádia Juliana Devides

Junior, B.O.; Lastoria, J.C.; Junior, V.H.;DEFFUNE, E.. Segundo tumor Primário em Pacientes com Neoplasia de Cabeça e Pescoço. 2013. Dissertação (Mestrado em Pesquisa e desaenvolvimento: biotecnologia médica) - Hemocentro do Hospital das Clínicas da FMB-UNESP.

Aluno: Pauloo Roberto de Lourenço

Junior, B.O.; Lastoria, J.C.; Junior, V.H.;DEFFUNE, E.. Segundo tumor primério radioinduzido, em pacientes com neoplasia de prostata após radioterapia. 2013. Dissertação (Mestrado em Pesquisa e desaenvolvimento: biotecnologia médica) - Hemocentro do Hospital das Clínicas da FMB-UNESP.

Aluno: Ari Tiago Faustino de Souza

FERREIRA, Rosana Rossi; Pedro, K.P.;DEFFUNE, E.. Avaliação farmacotécnica da implementação de curativos bioativos com prata, zinco e L-glutamina na otimização do processo cicatricial de feridas crônicas. 2013. Dissertação (Mestrado em Pesquisa e desaenvolvimento: biotecnologia médica) - Hemocentro do Hospital das Clínicas da FMB-UNESP.

Aluno: Woner Mion

DEFFUNE, E.FERREIRA, Rosana Rossi; Miranda, D.R.P. Foto seleção de Mielomas e Hibridomas murinos na produção de Anticorpos Monoclonais. 2013. Dissertação (Mestrado em Pesquisa e desaenvolvimento: biotecnologia médica) - Hemocentro do Hospital das Clínicas da FMB-UNESP.

Aluno: Regina Avelina Moraes e Silva

DEFFUNE, E.; Saeki, MJ; Zambom, JP. Utilização de técnicas de engenharia de tecidos para a validação do uso deo scaffold de quitosana em ampliação vesical de coelhos. 2012. Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina UNESP de Botucatu.

Aluno: Leandro Garcia Alvarado

FERREIRA, R. R.; Saeki, MJ; Simionato, EMRS;DEFFUNE, E.. Membrana Transdérmica de Liberação Controlada Utilizando Quitosana, Plasma e Plaquetas para a Regeneração de Feridas. 2012. Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu - UNESP.

Aluno: MATHEUS BERTANHA

DEFFUNE, E.; Moura, R; Joviliano, EE. Estruturação ex vivo de vasos sanguineos a partir da diferencação de células tronco de coelho. 2011. Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento:Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Mecidina UNESP-Botucatu.

Aluno: Marcus Vinicius Danieli

DEFFUNE, E.; BITTEINCOURT, Renata Aparecida;PEREIRA, Hamilton R. Tratamento de lesões osteocondrais do joelho pela aplicação de gel de plaquetas. 2011. Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina UNESP de Botucatu.

Aluno: Hudson Menezes Tavieira

Nascimento, MSA;DEFFUNE, E.; Martins. AS. Estudo Comparativo do uso de Curativo Bioativo - Cola de Fibrina com o curativo convencional em pacientes com câncer portadores de UP. 2011. Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina UNESP de Botucatu.

Aluno: DANIEL BASSETO JESUÍNO

DEFFUNE, E.. Análise do desempenho da técnica de clonagem celular por micromanipulação versus diluição limitante.. 2011. Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu - UNESP.

Aluno: Thaiane Cristine Evaristo

DEFFUNE, E.; Cardoso, Paulo. Modelo experimental de neotraqueia em coelhos utilizando técnicas de engenharia celular. 2011. Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu - UNESP.

Aluno: Juliane Campos Inácio

DEFFUNE, E.. Produção de anticorpos monoclonais dirigidos antígenos de células tronco adulta de origem humana e de coelho. 2011. Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu - UNESP.

Aluno: Regina Avelina Moraes e Silva

DEFFUNE, E.. Utilização de técnicas de engenharia de tecidos para a validação do uso do scaffold de quitosana em ampliação vesical de coelhos. 2011. Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina UNESP de Botucatu.

Aluno: Mônica Carboni Pereira Gonçalves

Rocha, ET; Carvalho, AL; Yamaga, LYI;DEFFUNE, E.. Investigação de metástases não funcionantes em câncer de tireóide com sestamibi. 2010. Dissertação (Mestrado em Pesq.e Desenv.em Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP.

Aluno: Janaina Zambom de Oliveira

Nascimento, MSA;DEFFUNE, E.. Avaliação da Qualidade de Vida dos Pacientes Submetidos à Cirurgia de Amputação Abdominoperineal do reto com colostomia abdominal ou colostomia perineal. 2010. Dissertação (Mestrado em Pesq.e Desenv.em Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP.

Aluno: Regina Aparecida Cardoso

DEFFUNE, E.FERREIRA, Rosana Rossi; Cozac, APCNC. Anticorpos Monoclonais em Imunohematologia. 2010. Dissertação (Mestrado em MP-Pesq. e Desenolv. em Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP.

Aluno: Silvana de Oliveira Cantú

DEFFUNE, E.; Borges, JBC; Antunes, RNS. Avaliação da Intervenção Psicoterapêutica de Modelo Analítico em Crianças e Adolescentes com Doenças Onco-hematológicas.. 2010. Dissertação (Mestrado em Pesq.e Desenv.em Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP.

Aluno: Gabrielle Reinoldes Bizarria Guilherme

DEFFUNE, E.; Costa, Paulo Inácio; Roela, RA. Caracterização e Validação de Anticorpo Monoclonal Murino anti-linfócito B humano para Uso em CF e Imunoquímica. 2010. Dissertação (Mestrado em Pesq.e Desenv.em Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP.

Aluno: Thaiane Cristine Evaristo

DEFFUNE, E.; Machado, PEA;Alves, FC. Proposta de modelo experimental de neotraquéia em coelho utilizando técnicas de engenharia de tecidos. 2010. Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu - UNESP.

Aluno: MATHEUS BERTANHA

DEFFUNE, E.Sobreira, ML; Moura, R. Estruturação ex vivo de vasos sanguineos a partir da diferenciação de células tronco em coelhos. 2010. Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu - UNESP.

Aluno: Norma Gondim Cléto

DEFFUNE, E.Alves, FC; Machado, PEA. Terapia Celular no tratamento de feridas crônicas. 2010. Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento:Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Mecidina UNESP-Botucatu.

Aluno: Daniel Bassetto Jesuino

DEFFUNE, E.; Fávaro, WJ;FERREIRA, R. R.. Análise do desempenho da técnica de clonagem celular por micromanipulação versus diluição limitante. 2010. Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu - UNESP.

Aluno: Karina Basso Santiago

FERREIRA, R. R.; SANTOS, I. A. T.;DEFFUNE, E.. Monitoramento da qualidade de hemocomponentes plasmáticos e concentrado de plaquetas produzidos no Hemocentro da FMB-UNESP. 2010. Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu - UNESP.

Aluno: Aparecida Vitória Gonçalves e Souza

DEFFUNE, E.; UEDA, Mirtes; GROTTO, R. M. T.. Dificuldade na obtenção de anticorpos monoclonais murinos dirigidos contra proteína F recombinante do VSR humano. 2009. Dissertação (Mestrado em Pesq.e Desenv.em Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP.

Aluno: Armando de Mattos Carvalho

Alves, ALGDEFFUNE, E.; Barreira, APB. Implante autólogo de células-tronco mesenquimais do tecido adiposo no tratamento de tendinites experimentais em equinos: avaliação clínica, ultrassonográfica e imunoistoquímica. 2009. Dissertação (Mestrado em Pós-Graduação em Medicina Veterinária) - Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia de Botucatu.

Aluno: Regina Aparecida Cardoso

DEFFUNE, E.SECCO, V. N. D. P.; GARCIA, P. C.. Anticorpos Monoclonais em Imunohematologia. 2009. Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu - UNESP.

Aluno: Mônica Carboni Pereira Gonçalves

Rocha, ET; Serrano, SV;DEFFUNE, E.. Investigação de Metástases não funcionantes em câncer de tireóide com sestamibi 99mTc e Iodo 131: Avaliação metodológica comparativa. 2009. Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento:Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Mecidina UNESP-Botucatu.

Aluno: Silvana Cantu

DEFFUNE, E.; PEROSA, G. B.;Alves, FC. Co-relação entre intervenção psicológica em pacientes com doenças onco-hematológicas e qualidade de vida. 2009. Dissertação (Mestrado em Pesq.e Desenv.em Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP.

Aluno: Janaina Zambon de Oliveira

Nascimento, MSA;DEFFUNE, E.PARDINI, Maria Inês de Moura Campos. Avaliação da Qualidade de Vida dos Pacientes submetidos à Amputação abdominoperineal do Reto com Colostomia Perineal e Colostomia Abdominal. 2009. Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento:Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Mecidina UNESP-Botucatu.

Aluno: Gabrielle Reinoldes Bizarria Guillherme

DEFFUNE, E.MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu; IKOMA, Maura Valério. Caracterização de Anticorpos Monoclonais Murinos Anti-Linfócitos B Humanos para Uso em Citometria de Fluxo e Imunohistoquímica. 2009. Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu - UNESP.

Aluno: José Henrique Vallim

DEFFUNE, E.; PATRÍCIO, Karina Pavão; TAVARES, VLADIMIR. Análise de desempenho da vacinação para Hepatite B em militares do serviço de saúde e conscritos vinculados aio comando da 11 brigada de infantaria leve. 2008. Dissertação (Mestrado em MP-Pesq. e Desenolv. em Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP.

Aluno: Elaine Cristina Navarro

DEFFUNE, E.; SANTOS, I. A. T.; Castro, Ana Doris. Curativos Bioativos: estudo de forma farmacêutica, vida de prateleira e controle de qualidade. 2008. Dissertação (Mestrado em Pesq.e Desenv.em Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP.

Aluno: Ana Carolina Ternes Quadrado Tomczak

Nascimento, JA;DEFFUNE, E.. Estudo sobre o controle de qualidade de unidade transfusionais eritrocitárias. 2008. Dissertação (Mestrado em Ciências Farmacêuticas) - Universidade Federal do Paraná.

Aluno: Aparecida Vitória Gonçalves de Souza

DEFFUNE, E.; RUIZ, T; ALHO, Mjo; GROTTO, Rmt. Produção de Anticorpos Monoclonais Murinos anti-RSV. 2008. Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento:Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Mecidina UNESP-Botucatu.

Aluno: Aparecida Vitória Gonçalves de Souza

DEFFUNE, E.. Produção de anticorpos monoclonais murinos anti-RSV. 2008. Dissertação (Mestrado em Pesq.e Desenv.em Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP.

Aluno: Joana Cruz Marangon Machado

DEFFUNE, E.; MORCELLI, José; MATUSHITA, João Paulo Kawaoka. Estudo pela Tomografia computadorizada da infiltração gordurosa hepática em pacientes em uso de quimioterapia para linfoma. 2007. Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional Em Biotecnologia Médica) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Luís Henrique Susa Mihara

DEFFUNE, E.; CASTRO, Vagner de; HOKAMA, Newton Key; SPINDEL, Renato. Comparação de duas técnicas de triagem de anemia em doadores de sangue.. 2007. Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional Em Biotecnologia Médica) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Cynthia de Assumpção Lucidi

Takahira, RK;DEFFUNE, E.; Pereira, PM. Pesquisa do antígeno eritrocitário canino 1.1 em plaquetas de cão. 2007. Dissertação (Mestrado em Pós-Graduação em Medicina Veterinária) - Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia de Botucatu.

Aluno: Juice Ishie Macedo

DEFFUNE, E.PARDINI, Maria Inês de Moura Campos; CARVALHO, Maria Dalva de Barros. Gerenciamento de Resíduos de Sewrviço de Saúde - Hospital Municipal de Maringá. 2005 - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Priscila Murador

DEFFUNE, E.MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu; CASTRO, Maria de Lourdes R Barjas. Caracterização Imunoquímica de anticorpos monoclonais murinos e policlonais dirigidos contra antígenos eritrocitários de alta freqüência na população. 2005 - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Solange de Oliveira Braga Franzolin

DEFFUNE, E.; FRANCHISCONE, Carlos Eduardo;FERREIRA, Rosana Rossi. Avaliação da quantidade de osteoblasto provenientes de cultura celular sobre diferentes superfícies de titânio. 2004 - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Marla Andréia Garcia

DEFFUNE, E.; PELLEGRINO JR, Jodão. Uso de Biocurativo na abordagem de úlceras de pressão. 2004 - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Frederico Guimarães Brandão

DEFFUNE, E.; FIGUEIREDO, Mauro; VALIM, Sandra Antunes. Prevalência da doença de Von Willebrand em mulheres com menorragia. 2003 - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Fábio Cardoso Iuan

DEFFUNE, E.MACHADO, Paulo Eduardo de AbreuPARDINI, Maria Inês de Moura Campos. Contribuição do teste rápido para HIV em resultados sorológicos discordantes de doadores de repetição. 2003 - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Laura Tiaki Fujihara Faggian

DEFFUNE, E.; SOUZA, Hélio Moraes de;MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu. Tatuagem: risco toxicológico e infeccioso. Preconceito ou realidade?. 2003 - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Gislene Mastranjo de Oliveira

DEFFUNE, E.; K, Takeko; L, Spencer. Controle de qualidade microbiológico de hemocomponentes. 2003 - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Marla Andréia Garcia

DEFFUNE, E.FERREIRA, Rosana Rossi; LÚCIA, Ana. Exame de Qualificação: Uso de Biocurativo em Úlceras de Pressão. 2003 - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Renata Aparecida Camargo Bittencourt

DEFFUNE, E.; UEDA, Mirtes; ROSÁRIO, Lenice Do. Qualificação: Estudo Comparativo dos Resultados de CD3/CD4/CD8 e Relação CD4:CD8 entre indivíduos com sorologia reagente e não-reagente pelo HIV na área de abragência do Hemocentro de Botucatu. 2003. Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas (Biologia Celular e Molecular)) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Solange de Oliveira Braga Franzolin

DEFFUNE, E.; FERREIRA, Rosane. Exame de Qualificação. 2003 - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Ercena Inês Dotti

SECCO, Valéria Nogueria Dias Paes;DEFFUNE, E.; LIMA, Maria José dos Reis. Exame de Qulificação - Formação de um banco de doadores imunofenotipados para a produção de reagente imunohematológico e medicina transfusional. 2003 - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Marjorie de Assis Golim

DEFFUNE, E.MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu. Exame de Qualificação - Desenvolvimento de Controle Isotípico Fluoresceinado para uso em citometria de fluxo. 2003 - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: RENATA APARECIDA DE CAMARGO BITTENCOURT

DEFFUNE, E.; SOUZA, Lenice Rosário de; MENEZES, Hércules. Dissertação de Mestrado: defesa da aluna Renata Aparecida de Camargo Bitternourt. 2003. Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas (Biologia Celular e Molecular)) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Cristhiane Olivia Ferreira do Amaral

DEFFUNE, E.; FRANCISCHONE, Carlos Eduardo;MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu. Defesa de Dissertação:. 2003 - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Maria Annecy de Araújo

DEFFUNE, E.. Análise de participação das subclasses de IgG nos processos hemolíticos secundários à doença hemolítica perinatal e à anemia hemolítica auto-imune. 2003. Dissertação (Mestrado em Patologia) - Universidade Federal do Ceará.

Aluno: Cristiane Aparecida Ferino

DEFFUNE, E.. Uso terapêutico de anticorpos monoclonais. 2002 - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Rosana Antunes da Silveira

DEFFUNE, E.PARDINI, Maria Inês de Moura CamposMACHADO, Paulo Eduardo de Abreu. Banca Qualificação de Mestrado: Análise de STRs na avaliação da pega de transplantes alogênicos de Medula Óssea. 2002. Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas (Biologia Celular e Molecular)) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Fábio Cardoso Iuan

DEFFUNE, E.. Qualificação: Contribuição do teste rápido para HIV em casos de resultados sorológicos discordantes. 2002 - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Gislene C

DEFFUNE, E.. Mastranjo. Qualificação: Controle de qualidade microbiológico de hemocomponentes. 2002 - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Cristhiane Olivia Ferreira do Amaral

DEFFUNE, E.. Qualificação: Avaliação Bucal dos Hemofílicos de Botucatu. 2002 - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Fernanda Chiuso

DEFFUNE, E.. Qualificação: Avaliação da sensibiliade de reagentes de TT`PA para detectar a presença do anticoagulante lúpico. 2002 - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Jaqueline Alves Baréa

DEFFUNE, E.MACHADO, Paulo Eduardo de AbreuPARDINI, Maria Inês de Moura Campos. Extração de DNA de material de arquivo e fontes escassas para a utilização em reação de polimerização em cadeia(PCR). 2001. Dissertação (Mestrado em Fisiopatologia em Clínica Médica) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: MARCIA REGINA BUCHIGNANI

DEFFUNE, E.MACHADO, Paulo Eduardo de AbreuPARDINI, Maria Inês de Moura Campos. Exame de Qualificação: Avaliações de parâmetros que conferem qualidade ao concentrado de plaquetas.. 2001. Dissertação (Mestrado em Fisiopatologia em Clínica Médica) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Gilberto Luppi dos Anjos

DEFFUNE, E.; SÁ, Evelin Naked de Castro; BITTAR, Olímpio José Nogueira Vianna. Doações de sangue no Hemocentro de Botucatu. 2000. Dissertação (Mestrado em Pós Graduação Em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Ana Paula Ehrhardt de |Oliveira

DEFFUNE, E.MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu; AGUEMI. Obtenção e caracterização de anticorpos monoclonais murinos dirigidos contra antígenos eritrocitários caninos. 2000. Dissertação (Mestrado em Fisiopatologia em Clínica Médica) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: UBIRAJARA APARECIDO TEIXEIRA

DEFFUNE, E.MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu; LIMA, Lise Mary Alves de. Contribuição ao estudp da Hemólise Pós-Transfusional em Pacientes Críticos.. 1995. Dissertação (Mestrado em Fisiopatologia em Clínica Médica) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Maura Regina Valério Ikoma

DEFFUNE, E.MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu; FRAIJI, Nelson. Pesquisa de Anticorpos anti-plaquetários em púrpura trombocitopênica imune por citometria de fluxo. 1995. Dissertação (Mestrado em Fisiopatologia em Clínica Médica) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Herivaldo Ferreira

DEFFUNE, E.; PITOMBEIRA, Ms; MACHADO, Pea. Ácido desoxirribonucleico e ciclo celular de clone tumoral murino NS1/1 por citometria de fluxo. 1994. Dissertação (Mestrado em Fisiopatologia em Clínica Médica) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: THAILA QUATRINI CORRÊA

DEFFUNE, E.; Dovigo, LN; ANIBAL, F. F.; Souza, CWO; Bagnato, V. Técnicas Ópticas para o controle microbiológico de sangue. 2017. Tese (Doutorado em Biotecnologia) - Universidade Federal de São Carlos.

Aluno: Marcus Vibicius Danieli

CATANEO, D. C.; Muller, SS;DEFFUNE, E.; Cury, RPL; granata Junior, S. Lesão condral de joelho: comparação entre ressonancia magnética e video artroscopia. Efeito terapeutico do PRP. 2016. Tese (Doutorado em Bases Gerais de Cirurgia) - Faculdade de Medicina de Botucatu.

Aluno: Ana Lúcia Miluzzi Yamada

Alves, Ana Liz Garcia;HUSSNI, Carlos AlbertoDEFFUNE, E.; Machado, TSL. Células-tronco mesenquimais em gel de plasma rico em plaquetas associados com microfraturas no tratamento de lesões condrais articulares em equinos. 2015. Tese (Doutorado em Doutorado em Biotecnologia Animal) - Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia.

Aluno: Marcus Vinicius Danieli

CATANEO, D. C.; Muller, SS;DEFFUNE, E.. Tratamento da lesão condral em joelhos por videoartroscopia associada à aplicação de Plasma Rico em Plaquetas. 2015. Tese (Doutorado em Bases Gerais de Cirurgia) - Hemocentro da FMB-UNESP.

Aluno: Aparecida Vitória Gonçalves de Souza

Viana, Pedro T.G.; Modolo, NSP;DEFFUNE, E.; Vieira, EM; Abrão, J. Avaliação da proteção renal da melatonina em altas doses em modelo de experimentação de isquemia renal em ratos submetidos à hiperglicemia. 2013. Tese (Doutorado em Anestesiologia) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP.

Aluno: Rita de ´Cássia Legaspe Fontão Wendel

Garcia, Primavera Borelli; Takei, K; Lourenço, Dayse Maria;DEFFUNE, E.; Cristofani, Lilian Maria. Avaliação de diferentes metodologias laboratoriais para detecção de aloanticorpos plaquetários. Determinação da prevalência e importância clínica destes anticorpos em pacientes transfundidos. 2008. Tese (Doutorado em Pós Graduação em Farmácia -) - Faculdade de Ciências Farmacêuticas - USP.

Aluno: Gilberto Luppi dos Anjos

DEFFUNE, E.. Hemocomponentes do sangue: Propostas para melhoria da qualidade hemocentro de Botucatu.. 2002. Tese (Doutorado em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo.

Aluno: ROSANA ROSSI FERREIRA

DEFFUNE, E.. Obtenção de Anticorpo Monoclonal Murino anti-Fator VIII da coagulação sangüínea.. 2001. Tese (Doutorado em Fisiopatologia em Clínica Médica) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Maura Rosane Valério Ikoma

MACHADO, Paulo Eduardo de AbreuDEFFUNE, E.; PASQUINI, Ricardo; AZEVEDO, Wellington Morais de. Interleucinas6 e megacariocitopoese em pacientes portadores de púrpura trombocitopênica imune. 2001. Tese (Doutorado em Fisiopatologia em Clínica Médica) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Maria José dos Reis Lima

DEFFUNE, E.; MEIRA, D. A.; CASTRO, Cn; YASUDA, Mas; POSSO, Mbs. Seleção de doadores de sangue do Hemocentro de Botucatu pelo diagnóstico sorológico e xenodignóstico artificial para a doença de Chagas.. 2001. Tese (Doutorado em Doenças Tropicais Modalidade Biologia Tropical) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Micaella Gordon Gandolfi

Brandão, CVS; Alves, Ana Liz Garcia;DEFFUNE, E.. uso de células tronco de tecido alogenica e plasma rico em plaquetas heterólogo no tratamento de ceratoconjuntivite seca em cães. 2019. Exame de qualificação (Doutorando em Biotecnologia Animal) - Faculdade de medicina veterinária e Zootecnia de Botucatu.

Aluno: Valéria Cataneli Pereira

Fernandes Junior, Ary;DEFFUNE, E.; Hernandes, RT. Produção de anticorpos monoclonais murinos para teste de detecção rápida de citotoxinas em Staphylococcus aureus. 2013. Exame de qualificação (Doutorando em Biologia Geral e Aplicada) - Instituto de Biociências de Botucatu-UNESP.

Aluno: Geraldo Marco Rosa Junior

Viterbo, F;DEFFUNE, E.; Rodrigues, AC. Reparo de nervo periférico utilizando a veia jugular como tubo associado a cultura de células tronco extraídas de tecido adiposo. Estudo do rato. 2012. Exame de qualificação (Doutorando em Bases Gerais da Cirurgia) - Faculdade de Medicina - Unesp Campus Botucatu.

Aluno: FLORA CRISTINA LOBO PENTEADO

COVAS, D. T.;DEFFUNE, E.. Indução da diferenciação hepatocítica a partir de células tronco mesenquimais isoladas da medula óssea e da retina humanas. 2007. Exame de qualificação (Doutorando em Pós-graduação do Departamento de Análises Clínicas) - Faculdade de Ciências Farmacêuticas - UNESP Araraquara.

Aluno: Suelen de Souza Assunpção Nishio

DEFFUNE, E.; BERTANHA, M.; GARCIA, Patricia Carvalho. Imunossensor para detecção de hemorragia feto-materna. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em MP-Pesq. e Desenolv. em Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP.

Aluno: Eduarda de Aguilhar Chaparro

DEFFUNE, E.; BERTANHA, M.; Shiguematsu, A.I.; Félix, R.G.. Soro Autólogo de Uso Ocular: Enfoque em Medicina Personalizada. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em MP-Pesq. e Desenolv. em Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP.

Aluno: Valdir de Carvalho Campos

FERREIRA, Rosana Rossi; T.;DEFFUNE, E.. Imprevisibilidade à luz da Ética e do direito na profissão do médico cirurgião. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado Profissional Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médica) - Faculdade de Medicina de Botucatu.

Aluno: Isabele Silveira Vanin

DEFFUNE, E.; Pereira, MC; GARCIA, Patricia Carvalho. Obtenção, Indicadores de Qualidade e Propriedades dos Hormônios Derivados de Plaquetas Humanas pela Técnica de Lisado Plaquetário. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Pesquisa e Desenvolvimento:Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Mecidina UNESP-Botucatu.

Aluno: Ananda Lini Vieira da Rocha

DEFFUNE, E.; GARCIA, P. C.; Daros, G.. AVALIAÇÃO DOS DESFECHOS PRIMÁRIOS E SECUNDÁRIOS EM PACIENTES SUBMETIDOS A CIRURGIA CARDÍACA COM CIRCULAÇÃO EXTRACORPÓREA, NA PRESENÇA OU AUSÊNCIA DE TRANSFUSÃO DE SANGUE. 2020. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Especialização Ciências da Saúde: Área de Concentração/Hemoterapia) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP.

Aluno: Pâmela Leite da Silva

DEFFUNE, E.; GARCIA, P. C.; Daros, G.. Proposta de validação de imunossensor para pesquisa de anticorpos irregulares. 2018. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Especialização em Ciênicas da Saúde. Área de concentração: Hemoter) - Faculdade de Medicina de Botucatu.

Aluno: Laís Priscila de Santis

DEFFUNE, E.; GARCIA, P. C.; Daros, G.. Hemocentro de Botucatu: overview de 23 anos de terapeutica transfusional. 2018. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Aprimoramento Profissional PAP FUNDAP em) - Faculdade de Medicina de Botucatu.

Aluno: Flávia Genta Saliba

DEFFUNE, E.; ZANINI, J. M.; MASTRANJO, G. C.; Pereira, MC;Cotrim, OS. Identificação de Oportunidades de Melhorias no Atendimento das Agências Transfusionais do Hemocentro de Botucatu. 2016. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Aprimoramento Profissional PAP-FUNDAP em Hemoterap) - Faculdade de Medicina de Botucatu.

Aluno: João Batista Monteiro Tajra

DEFFUNE, E.; Rodini, ESO; Rosi, AMB. Pesquisa de anticorpos irregulares em pacientes vítimas de trauma, atendidos nos hospitais públicos do DF de 2007-2013. 2014. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Hemoterapia) - Faculdade de Ciências de Bauru.

Aluno: Isabele Silveira Rosa

DEFFUNE, E.; Alves, FLMC; Evaristo, T.C.. PADRONIZAÇÃO DA PRODUÇÃO DE PLASMA RICO EM PLAQUETAS PARA USO EM ORTOPEDIA. 2014. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Programa de Aprimoramento Profissional PAP-FUNDAP) - Faculdade de Medicina de Botucatu.

Aluno: Juliana Ravelli Baldassarre Martins

DEFFUNE, E.Cotrim, OS; Delneri, M. Criopreservação de Hemácias e Células-Tronco de Sangue de Cordão Umbilical e Placentário. 2013. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Aprimoramento Profissional em Hemoterapia) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP.

Aluno: Thaiane Cristine Evaristo

DEFFUNE, E.. Impacto do NAT na segurança transfusional. 2010. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Especialização em Hematologia e Hemotera) - ESEFAP.

Aluno: Edivirges Genoveva Desen

DEFFUNE, E.. Gerenciamento de resíduos de origem farmacêutica. 2010. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em MBA em Gestão Hospitalar) - Uninter - Grupo Educacional.

Aluno: Ana Celia Alencar Fonteles

DEFFUNE, E.; Delduque, Maria Célia; Fontenele, S. Aspectos jurídicos dos conflitos ético-religiosos relacionados à transfusão sangüínea no Brasil. 2008. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em REGULAÇÃO E VIGILÂNCIA SANITÁRIA EM HEMOTERAPIA E) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP.

Aluno: Ana Celia Alencar Fonteles

DEFFUNE, E.; Delduque, Maria Célia; Fontenele, S. Aspectos jurídicos dos conflitos ético-religiosos relacionados à transfusão sangüínea no Brasil. 2008. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em REGULAÇÃO E VIGILÂNCIA SANITÁRIA EM HEMOTERAPIA E) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP.

Aluno: Helder Teixeira

DEFFUNE, E.; Castilho, Shirley; Vilaça, JAF. ANÁLISE COMPARATIVA DO DESEMPENHO DE MINIPAINEL DE HEMÁCIAS PRODUZIDO IN HOUSE VERSUS MINIPAINEL DE HEMÁCIAS COMERCIAL NA PESQUISA E IDENTIFICAÇÃO DE ANTICORPOS IRREGULARES DE PAI EM DOADORES E RECEPTORES DE SANGUE NA FUNDAÇÃO HEMOCENTRO DE BRASÍLIA.. 2008. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em REGULAÇÃO E VIGILÂNCIA SANITÁRIA EM HEMOTERAPIA E) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP.

Aluno: Christiane da Silva Costa

DEFFUNE, E.; Castilho, Shirley; Vilaça, JAF. Avaliação Externa da Qualidade em Serviços de Hemoterapia. 2008. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em REGULAÇÃO E VIGILÂNCIA SANITÁRIA EM HEMOTERAPIA E) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP.

Aluno: Acacia Maria de Oliveira Brandao

DEFFUNE, E.. Índice de satisfação do doador de sangue versus aspectos sanitários identificados nos processos de inspeção.. 2008. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em REGULAÇÃO E VIGILÂNCIA SANITÁRIA EM HEMOTERAPIA E) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP.

Aluno: Edna Jorge Ribeiro

DEFFUNE, E.; RODRIGUES, Olga Maria Piazentim Rolim. História prévia de Eventos de estresse e câncer de mama, útero e ovários. 2003. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Especialização Em Psicologia da Saúde) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Varios candidatos

DEFFUNE, E.PARDINI, Maria Inês de Moura CamposMACHADO, Paulo Eduardo de Abreu; GUSHIKEN, T.. Diagnóstico e Pesquisa Laboratorial em Hematologia.. 1994 - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Patrick Atademos

DEFFUNE, E.. Engenharia Celular. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Biomedicina) - Instituto de Biociências de Botucatu-UNESP.

Aluno: Rafael Factor Carandina

DEFFUNE, E.MOROZ, AndreiFELISBINO, Sérgio Luis. Ação de nanopartículas estruturadas de manganês sobre viabilidade de células prostáticas humanas tumorais. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Biomedicina) - Instituto de Biociências de Botucatu-UNESP.

Aluno: Regina Avelina Moraes

DEFFUNE, E.. Expansão ex vivo de células uroteliais em scaffold 3 D. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Biomedicina) - Instituto de Biociências da Unesp de Botucatu.

Aluno: Paula Scaena

DEFFUNE, E.. Influência de diferentes extratos de Cordia ecalyculata em cultura de células-tronco mesenquimais. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Biomedicina) - Instituto de Biociências de Botucatu-UNESP.

Aluno: Juliana Ravelli B

DEFFUNE, E.. Martins.MARCADORES DE SUPERFÍCIE DE CÉLULAS-TRONCO: ESTUDO DE REAÇÃO CRUZADA INTER-ESPÉCIES?. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Biomedicina) - Instituto de Biociências de Botucatu-UNESP.

Aluno: Aline Garcia Aun

GOLIM, Marjorie;DEFFUNE, E.; GROTTO, R. M. T.. PADRONIZAÇÃO DA EXPANSÃO EX VIVO DE FIBROBLASTO PARA APLICAÇÃO TERAPÊUTICA. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Biomedicina) - Univesidade Paulista.

Aluno: Woner Mion

Hormaza, JM;DEFFUNE, E.; Lemke, N. Influência da luz LED na cultura celular de mieloma múltiplo murino. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Física Médica) - Universidade Estadual Paulista.

Aluno: Renan Padron Almeida

DEFFUNE, E.MOROZ, Andrei. PRODUÇÃO DE ANTICORPOS MONOCLONAIS MURINOS ANTI CÉLULAS TRONCO MESENQUIMAIS DE COELHO. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Biomedicina) - Faculdade de Biomedicina UNESP Botucatu.

Aluno: Míriam Lúcia Sarmazo

DEFFUNE, E.MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu; NIEROMEOLO, Ligia; PADINI, Maria Inês de Moura Campos. Banca Examinadora de Especialização: Citologia e Citoquímica da Medula Óssea em pacientes com LMA: treinamento e reclassificação de 50 casos no período de 1990 a 1997. 1999. Outra participação, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Candidatos ao Curso de Aprimoramento

DEFFUNE, E.PARDINI, Maria Inês de Moura Campos; THOMAZINI, Izolete;SECCO, Valéria Nogueira Dias Paes. Diagnostico e Pesquisa Laboratorial em Hematologia. 1998. Outra participação, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Varios candidatos

DEFFUNE, E.; LIMA, Maria José dos Reis; IUAN, Fábio Cardoso. Seleção de Flebotomista - Hemocentro de Botucatu. 1997. Outra participação, Fundação Para o Desenvolvimento Médico Hospitalar.

Aluno: Varios candidatos

DEFFUNE, E.; MILANESI, Eliane Colauto;SECCO, Valéria Nogueira Dias PaesMACHADO, Paulo Eduardo de Abreu. Diagnóstico e Pesquisa Laboratorial em Hemoterapia. 1996. Outra participação, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Varios candidatos

DEFFUNE, E.; GUSHIKEN, T.;PARDINI, Maria Inês de Moura CamposMACHADO, Paulo Eduardo de Abreu. Diagnostico e Pesquisa Laboratorial em Hematologia.. 1995. Outra participação, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Adriana Cerini Grassi

DEFFUNE, E.; NIEROMELO, Ligia;MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu. Monografia de Especialização: Avaliação Citológica-Citoquímica das Leucemias Agudas do Hospital das Clínicas-UNESP 1989-1994. 1994. Outra participação, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Paula Maria Pavan Rossetto Botejara

DEFFUNE, E.; COLAUTO, Eliana Milanesi Rubio;MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu. Comparação das Técnicas Imunohematológicas na prevenção da sensibilização Rho. 1994. Outra participação, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Luciane Aparecida Roque Dominichelli

DEFFUNE, E.; MELO, Lia Niero;MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu; IKOMA, Maura Valerio. Imunofenotipagem de Leucemias agudas por citometria de fluxo em pacientes do Hospital das Clínicas de Botucatu. 1994. Outra participação, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

DEFFUNE, E.; BERTANHA, M.; Grotto, R;PARDINI, Maria Ines de Moura Campos; Simões, RP. Processo Seletivo de Doutorado. 2019. Hemocentro da Faculdade de Medicina UNESP de Botucatu.

BERTANHA, M.; Grotto, R;PARDINI, Maria Ines de Moura CamposDeffune, Elenice. Processo Seletivo para Mestrado e Doutorado. 2019. Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP.

GOLIM, M. A.; BERTANHA, M.; Grotto, R;DEFFUNE, E.; PARDINI, M. I. M. C.. Processo seletivo para mestrado Profissional. 2018. Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP.

DEFFUNE, E.; GARCIA, Patricia Carvalho; PICELLI, S.. Processo Seletivo para Curso de Especialização em Ciências da Saúde: área de concentração/HEMOTERAPIA. 2018. Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP.

DEFFUNE, E.; GARCIA, Patricia Carvalho; Picelli, SM. Processo Seletivo do Aprimoramento Profissional em Hemoterapia. 2018. Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP.

GARCIA, Patricia Carvalho;DEFFUNE, E.; Picelli, SM. Processo Seletivo do Curso de Especialização em Ciências da Saúde: área de concentração IMUNOHEMATOLOGIA. 2018. Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP.

DEFFUNE, E.; Grotto, R; Pardini, MI. Processo Seletivo para Curso de PG Mestrado Profissional em Biotecnologia Médica. 2017. Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP.

DEFFUNE, E.. XIV Jornada dos Programas de Aprimoramento Profissional (PAP) da Faculdade de Medicina de Botucatu - Saúde Personalizada e Suas Perspectivas. 2016. Faculdade de Medicina de Botucatu.

DEFFUNE, E.. XIV Jornada dos Programas de Aprimoramento Profissional (PAP) da Faculdade de Medicina de Botucatu - Saúde Personalizada e Suas Perspectivas. 2016. Faculdade de Medicina de Botucatu.

DEFFUNE, E.; GARCIA, P. C.; Pereira, MC. Banca de Seleção do Aprimoramento Profissional em Hemoterapia. 2015. Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP.

Machado, PE; Grotto, R;GOLIM, Marjorie de AssisDEFFUNE, E.. Banca de Seleção de Candidatos para Mestrado Profissional 2016. 2015. Hemocentro da Faculdade de Mecidina UNESP-Botucatu.

DEFFUNE, E.Cotrim, OS; Evaristo, TC; ALVARADO, R. C.. Comissão Julgadora de Processo licitatório para Insumos de pesquisa. 2015.

DEFFUNE, E.; Evaristo, T.C.; Delneri, M. Banca de Seleção do Aprimoramento em Hemoterapia. 2013. Faculdade de Medicina de Botucatu.

DEFFUNE, E.. XXIII Congresso de Iniciação Científica da Unesp. 2011. Faculdade de Medicina de Botucatu.

DEFFUNE, E.. XXIII Congresso de Iniciação Científica da UNESP. 2011.

DEFFUNE, E.FERREIRA, Rosana RossiMURADOR, PriscilaJESUÍNO, Daniel Bassetto. Pregão Presencial para aquisição de material médico hospitalar n010/2009-FAMESP. 2009. Fundação Para o Desenvolvimento Médico Hospitalar.

DEFFUNE, E.FERREIRA, Rosana RossiJESUÍNO, Daniel BassettoMURADOR, Priscila. Pregão Presencial pra aquisição de insumos médicos e laboratoriais n011/2009. 2009.

DEFFUNE, E.FERREIRA, Rosana Rossi; GROTTO, R. M. T.. Processo seletivo para Biólogos -FAMESP. 2009. Fundação para Desenvolvimento Médico Hospitalar de Botucatu.

GROTTO, R. M. T.;DEFFUNE, E.; Machado, PEA. Processo seletivo Mestrado Profissional em Biotecnologia Médica. 2009. Hemocentro da Faculdade de Mecidina UNESP-Botucatu.

DEFFUNE, E.; Delneri, M;Alves, FC. Seleção para Programa de Aprimoramento profissional PAP-FUNDAP/FMB-DEPTO UROLOGIA/Disciplina de Hemoterapia. 2009. Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP.

DEFFUNE, E.. Processo Seletivo para Médico Veterinário. 2009. Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP.

DEFFUNE, E.; MURADOR, Pricila; Delneri, M. Processo seletivo do Programa de Aprimoramento em Hemoterapia da Fundap. 2008. Hemocentro da Faculdade de Medicina UNESP de Botucatu.

DEFFUNE, E.SANTOS, I. A. T.SECCO, V. N. D. P.; GROTTO, R. M. T.. Membro do Processo Seletivo de Mestrado. 2008. Hemocentro da Faculdade de Medicina - UNESP.

DEFFUNE, E.. II Simpósio de Pós-Graduação da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP. 2007. Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP.

DEFFUNE, E.. Encontro do Aprimoramento - PAP-FUNDAP. 2007. Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP.

CASTRO, Maria de Lourdes R Barjas;DEFFUNE, E.MURADOR, Priscila; Villaça, JA. Avaliação Nacional Externa da Qualidade em Imunohematologia. 2007. Agência Nacional de Vigilância Sanitária.

DEFFUNE, E.ALVARADO, R. C.. Processo licitatório dfe Insumos para Hemocentro adquiridos pela Famesp. 2007. Fundação Para o Desenvolvimento Médico Hospitalar.

DEFFUNE, E.GOLIM, Marjorie de Assis; SOUZA, Marina de. Pregão para aquisição de compra de reagentes para Hemoterapia. 2005. Fundação Para o Desenvolvimento Médico Hospitalar.

DEFFUNE, E.OLIVEIRA, Ana Paula eGOLIM, Marjorie de Assis. Pregão para aquisição de equipamentos. 2005. Fundação Para o Desenvolvimento Médico Hospitalar.

DEFFUNE, E.PARDINI, Maria Ines de Moura Campos; BERNARDES, Luiz. Comissão de Licitação para Implementação/Construção e Instalação de Ar condicionado no Hemocentro de Botucatu. 2005. Fundação Para o Desenvolvimento Médico Hospitalar.

DEFFUNE, E.SECCO, Valéria Nogueira Dias Paes; MÁRCIA. Seleção para Aprimorandos do Programa da Fundap-Hemoterapia. 2005. Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

DEFFUNE, E.; BARRETTI, Pasqual;FERREIRA, Rosana Rossi. Qualificação de mestrado do PG em Pesquisa e desenvolvimento: biotecnologia médica da aluna Juice. 2004. Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

DEFFUNE, E.. Qualificação de Mestrado: Aluna Priscila Murador. 2004. Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

DEFFUNE, E.. Qualificação de Mestrado: Efeito da Salinização em Cateter Intermitente. 2004. Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

DEFFUNE, E.. Qualificação de Mestrado: Avaliação odontológica em Pacientes portadores de HIV em sistema prisonal.. 2004. Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

MEIRA, D. A.; RIBEIRO, Sergio Marrone; PEREIRA, Paulo Câmrara Marques; VALLE, Adriana P; TEIXEIRA, U. A.; FERREIRA, Ana Lúcia dos Anjos; MOURA, Eloisa; PATRÍCIO, Karina Pavão; VICTÓRIA, Carlos Roberto; SIMÕES, Antonio Caetano; YOO, Hugo Hyung Bok; CARVALHO, Edna S;DEFFUNE, E.. Membro do Grupo de ação para prevenção e controle da Síndrome Respiratória Grave - SARS(Pneumonia Asiática). 2003. Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

DEFFUNE, E.MACHADO, Paulo Eduardo de AbreuFERREIRA, Rosana Rossi. Qualificação de Márjorie de Assis Golim. 2003. Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

DEFFUNE, E.; PINHEIRO, Nidia Alice; KOBAYASHI, Shoiti. Qualificação de Graziela de Almeida Prado e Piccino Marafiotti. 2003. Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

DEFFUNE, E.; FRANCISCHONE, Carlos;MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu. Banca Examinadora de defesa de dissetação de Cristhiane Olívia Ferreira do Amaral. 2003. Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

DEFFUNE, E.SECCO, Valéria Nogueira Dias PaesFERREIRA, Rosana Rossi. Qualificação: Ercena Inês Dotti. 2003. Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

DEFFUNE, E.; GUT, Ana Lúcia; SPIRI, Wilza Carla. Qualificação: Marla Andréia Garcia. 2003. Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

DEFFUNE, E.. Qualificação: Gislene Cristina Mastranjo de Oliveira. 2003. Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

DEFFUNE, E.. Qualificação: Laura Tiaki Fujihara. 2003. Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

DEFFUNE, E.. Membro da Comissão de Sindicância processo 1132/2002. 2002. Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

MEIRA, D. A.;DEFFUNE, E.; RUGOLO JUNIOR, Antonio; NITSCHE, Maria José Trevizani; VALLE, Adriana P; FERRARI JUNIOR, Jayme; SCARMINIO, Maria Inês; DUARTE, Marli T C; PAIVA, Miriam; GALHARDO, Antonia A O. Membro da Comissão de Acompanhamento e Avaliação do Plano de Gerenciamento de Resíduos Sólidos do Complexo da Faculdade de Medicina de Botucatu. 2002. Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

DEFFUNE, E.; PARDINI, Mimc; MACHADO, Pea. Qualificação de Doutorado: O polimorfismo de DNA e o Transplante de Medula Óssea. 2002. Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

DEFFUNE, E.. Membro da Comissão de Sindicância. 2001. Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

DEFFUNE, E.MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu; PASQUINI, Ricardo. Banca examinadora de tese de doutorado: Interleucina-6 e megacariocitopoese em pacientes portadores de púrpura trombocitopênica imune. 2001. Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

DEFFUNE, E.. Membro da Comissão Especial de Julgamento de Licitações da AMESP-Projeto Reforsus. 2000. Fundação Para o Desenvolvimento Médico Hospitalar.

DEFFUNE, E.MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu; GOTTCHALK, Arnold. Banca Examinadora de Qualificação de Mestrado:Estudo Comparativo de Antígenos de Membrana Eritrocitária em Diferentes Espécies.. 2000. Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

DEFFUNE, E.; BITTAR, O. Banca examinadora de Qualificação de Mestrado:. 1999. Universidade de São Paulo.

DEFFUNE, E.; SAAD, Sara Teresinha Olalla; SOUZA, Cármino de. Banca de Qualificação de doutorado: Maria de Lourdes Rios Barjas de Castro. 1999. Universidade Estadual de Campinas.

DEFFUNE, E.; MACHADO, Paulo Eduardp de Abreu; GOTTCHALK, Arnold. Banca de Qualificação de Mestrado: Relação entre heteroanticorpos presentes em soro humano de especificidade anti-eritrócitos suínos e grupos sangüíneos ABO.. 1999. Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

DEFFUNE, E.; COLAUTO, Eliana Milanesi Rubio;MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu. Membro da Banca Examinadora da Monografia de Fim de Especialização em Hemoterapia. 1994. Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Orientou

Rosangela Merlin

Qualidade em hemoterapia: um desafio contínuo; Início: 2020; Dissertação (Mestrado profissional em Mestrado Profissional Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médca) - Faculdade de Medicina de Botucatu; (Orientador);

Fernando Aparecido de Oliveira

VALIDAÇÃO DE ANTICORPO MONOCLONAL DIRIGIDO CONTRA ANTÍGENOS PLAQUETÁRIOS PARA A DETECÇÃO DE MICROVESÍCULAS DE PLAQUETAS HUMANAS; Início: 2019; Dissertação (Mestrado profissional em Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina UNESP de Botucatu; (Orientador);

Aruã Mastrangelo Prudenciatti

O POTENCIAL DO SECRETOMA DE CÉLULAS-TRONCO LÍMBICAS HUMANAS NO CONTROLE DA HOMEOSTASE EM DOENÇA DO OLHO SECO; Início: 2019; Dissertação (Mestrado profissional em Mestrado Profissional: Pesquisa e Desenvolvimento; Biotecnologia Médic a) - Faculdade de Medicina - Unesp Campus Botucatu; (Orientador);

Alba Cristina Albano

HEMOVIGILÂNCIA DO DOADOR DE SANGUE: ATUAÇÃO DA ENFERMAGEM NA IDENTIFICAÇÃO E CONDUÇÃO DAS REAÇÕES ADVERSAS; Início: 2019; Dissertação (Mestrado profissional em Pesq; e Desenv; em Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP; (Orientador);

Juliana Mazziero Azanha

Produção de Anticorpos Monoclonais anti-i; Início: 2019; Dissertação (Mestrado profissional em Mestrado Profissional: Pesquisa e Desenvolvimento; Biotecnologia Médic a) - Faculdade de Medicina - Unesp Campus Botucatu; (Coorientador);

Pâmela Leite da Silva

MELHORIA NO PROCESSO DE CONSTRUÇÃO E VALIDAÇÃO DE IMUNOSSENSOR PARA TIPAGEM SANGUÍNEA; Início: 2018; Dissertação (Mestrado profissional em Mestrado Profissional: Pesquisa e Desenvolvimento; Biotecnologia Médic a) - Faculdade de Medicina - Unesp Campus Botucatu; (Orientador);

William Leonel

NANOPARTÍCULAS MAGNÉTICAS IMOBILIZADAS COM ANTICORPOS MONOCLONAIS: PROPOSTA DE MELHORAMENTO DE IMUNOSSENSORES; Início: 2019; Tese (Doutorado em Doutorado em Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médica) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP; (Orientador);

Suelen Assunpção Nishio

Validação de imunossensor para detecção de hemorragia feto ? materna (HFM); Início: 2019; Tese (Doutorado em Doutorado em Pesquisa e Desenvlvimento/Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP; (Orientador);

Ana Lívia de Carvalho Bovolato

Imunosensor para identificação rápida da Doença de Alzheimer; Início: 2017; Tese (Doutorado em Doutorado em Biotecnologia) - Instituto de Biociências de Botucatu - UNESP; (Orientador);

Ananda Lini Vieira da Rocha

Aprimoramento Profissional em Hemoterapia; Início: 2019; Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Aprimoramento Profissional em Hemoterapia) - Faculdade de Medicina - Unesp Campus Botucatu, Secretaria de Estado da Saúde; (Orientador);

Ananda Lini Vieira da Rocha

NANOPARTÍCULAS MAGNÉTICAS IMOBILIZADAS COM ANTICORPOS MONOCLONAIS: PROPOSTA DE MELHORAMENTO DE IMUNOSSENSORES; Início: 2019; Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Ciências da Saúde: Área de concentração/Hemoterapia) - Faculdade de Medicina - Unesp Campus Botucatu, Secretaria de Estado da Saúde; (Orientador);

Thales Fernando Machado

Estudo comparativo de meio condicionado de célula tronco mesenquimal de tecido adiposo e de cordão umbilical humano; Início: 2020; Iniciação científica (Graduando em Engenharia de Bioprocessos e Biotecnologia) - Faculdade de Medicina de Botucatu; (Orientador);

Giulia C

Barbosa; Desinfecção de superfícies de Laboratório de Cultura Celular utilizando Surface UV; Início: 2020; Iniciação científica (Graduando em Engenharia de Bioprocessos e Biotecnologia) - Faculdade de Medicina de Botucatu; (Orientador);

Lídia Maria de Oliveira Silveira Gomes

Meio condicionado como fonte substituta de Soro Fetal Bovino em cultura Celular; Início: 2020; Iniciação científica (Graduando em Engenharia de Bioprocessos e Biotecnologia) - Faculdade de Medicina de Botucatu; (Orientador);

Karolyne Cristina da Silva Ramos

Análise de meio condicionado de célula tronco humana derivadas de tecido adiposo cultivados em normóxia e hipóxia; Início: 2020; Iniciação científica (Graduando em Engenharia de Bioprocessos e Biotecnologia) - Faculdade de Medicina de Botucatu; (Orientador);

Natália Munhoz Alves

Estágio Instrumental; Início: 2019; Orientação de outra natureza; Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP; (Orientador);

Eduarda de Aguilhar Chaparro

Soro Autólogo de Uso Ocular: Enfoque em Medicina Personalizada; 2019; Dissertação (Mestrado em MP Pesquisa e Desenvolvimento/Biotecnologia Médica) - Faculdade de Medicina de Botucatu Unesp,; Orientador: Elenice Deffune;

Suelen de Souza Assunpção Nishio

Produção de anticorpos monoclonais anti-hemoglobina F humana; 2019; Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médca) - Faculdade de Medicina de Botucatu,; Orientador: Elenice Deffune;

Nadja Guazzi Arenales Alves

TRANSFUSÕES DE HEMOCOMPONENTES EM RECÉM-NASCIDOS E SUAS CORRELAÇÕES CLÍNICAS; 2018; Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médca) - Faculdade de Medicina de Botucatu,; Orientador: Elenice Deffune;

Mariane Aparecida Risso

PROCESSAMENTO E VALIDAÇÃO DE HEMOCOMPONENTES OBTIDOS DO SANGUE DO CORDÃO UMBILICAL E PLACENTÁRIO; ; 2018; Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médca) - Mestrado Profissional: Pesquisa e Desenvolvimento/Biotecnologia Médica,; Orientador: Elenice Deffune;

Ellen M

C; S Capello; FERIDAS CRÔNICAS: IDENTIFICAÇÃO DE TERAPÊUTICAS ALTERNATIVAS MAIS FREQUENTES E ESTUDO RETROSPECTIVO DO USO DE BIOCURATIVO; 2018; Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médca) - Faculdade de Medicina de Botucatu,; Coorientador: Elenice Deffune;

Talita Isaac Martins

Meio de Cultura condicionado rico em fatores de crescimento secretado por células tronco mesenquimais, para enriquecimento dos biocurativos; 2018; Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médica) - Faculdade de Medicina de Botucatu,; Orientador: Elenice Deffune;

Thalita Fernanda Nishihara Palamin

FERIDAS CRÔNICAS, SABER POPULAR E PRÁTICAS INTEGRATIVAS: REVISÃO SISTEMÁTICA; 2018; Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu - UNESP,; Orientador: Elenice Deffune;

Ana Lívia de Carvalho Bovolato

PRODUÇÃO DE IMUNOSENSOR PARA IDENTIFICAÇÃO DE CÉLULAS TRONCO MESENQUIMAIS DE COELHO; 2017; Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento:Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Mecidina UNESP-Botucatu,; Orientador: Elenice Deffune;

Alexandre Giannecchini Romagnolo

Imunossensores para tipagem sanguínea ABO; 2017; Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médca) - Faculdade de Medicina de Botucatu,; Orientador: Elenice Deffune;

Thayná Mendonça Avelino

Produção e validação de imunossensor para a detecção de microvesículas de plaquetas humanas; 2017; Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médca) - Faculdade de Medicina de Botucatu,; Orientador: Elenice Deffune;

João Pedro Hübbe Pfeifer

PADRONIZAÇÃO DA CULTURA DE QUERATINÓCITOS LAMELARES DE CASCO EQUINO; 2017; Dissertação (Mestrado em Biotecnologia Animal) - Faculdade de medicina veterinária e Zootecnia de Botucatu, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Coorientador: Elenice Deffune;

Thays Neto

Avaliação Externa da Qualidade em Imuno-hematologia de Serviços Transfusionais da Área de Abrangência da Grande São Paulo e Mato Grosso; 2016; Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento:Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Mecidina UNESP-Botucatu,; Orientador: Elenice Deffune;

Pâmela Fermanda Martinez

Caracterização de anticorpos monoclonais anti-glicoforina humana; 2016; Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médica) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho,; Coorientador: Elenice Deffune;

Rafael Silva Cardoso

Avaliação do impacto hematológico na dinâmica do ferro em doadores de sangue submetidos à coleta automatizada de células- aférese, de duplo concentrado de hemácias do hemonúcleo de um hospital oncológico; ; 2016; Dissertação (Mestrado em MP-Pesq; e Desenolv; em Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP,; Orientador: Elenice Deffune;

Isabele Silveira Rosa Vanni

Obtenção, Indicadores de Qualidade e Propriedades dos Hormônios Derivados de Plaquetas Humanas pela técnica de Lisado Plaquetário; 2016; Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu - UNESP,; Orientador: Elenice Deffune;

Heloisa Vicente Garcia

AVALIAÇÃO DO EFEITO DA BIOESTIMULAÇÃO DO LED VERMELHO CONTÍNUO E PULSÁTIL EM CULTURA CELULAR DE CÉLULAS-TRONCO MESENQUIMAIS; ; 2015; Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento:Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Mecidina UNESP-Botucatu, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Orientador: Elenice Deffune;

Simone da Silva Ferreira

Estudo de fase clínica I utilizando membrana de quitosana dopada com hormônios derivados de plaquetas; 2014; Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu - UNESP,; Orientador: Elenice Deffune;

Juliana Ravelli Baldassarre Martins

Avaliação do desempenho de colírio usando soro alogênico e fatores de crescimento derivados de plaquetas em cultura de células do anel córneo-escleral; 2014; Dissertação (Mestrado em Pesquisa e desaenvolvimento: biotecnologia médica) - Hemocentro do Hospital das Clínicas da FMB-UNESP,; Orientador: Elenice Deffune;

Isabele Silveira Rosa

FATORES DE CRESCIMENTO DERIVADOS DE PLAQUETAS: CONTRIBUIÇÃO EM ORTOPEDIA; 2014; Dissertação (Mestrado em Pesq; e Desenv; em Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP,; Orientador: Elenice Deffune;

Woner Mion

Foto seleção de mielomas e hibridomas murinos na produção de anticorpos monoclonais; 2014; Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento:Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Mecidina UNESP-Botucatu,; Orientador: Elenice Deffune;

Renato Felix

CONTRIBUIÇÃO DA TERAPIA CELULAR COM CÉLULAS TRONCO EM FIBROSE PULMONAR EM RATOS; 2013; Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu - UNESP,; Orientador: Elenice Deffune;

Ana Cláudia Simões

Obtenção de anticorpos monoclonais murinos contra antígenos do Staphylococcus aureus resistente à meticilina por imunização subtrativa; 2013; Dissertação (Mestrado em MP-Pesq; e Desenolv; em Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Orientador: Elenice Deffune;

Gislaine Aparecida Querino

PRODUÇAO E CARACTERIZAÇÃO DE ANTICORPO MONOCLONAL CONTRA PBP2a de Staphylococcus aureus RESISTENTE A METICILINA; 2013; Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento:Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Mecidina UNESP-Botucatu,; Orientador: Elenice Deffune;

MARCUS VINICIUS DANIELLI

Tratamento de lesões osteocondrais do joelho pela aplicação do gel de plaquetas; 2012; Dissertação (Mestrado em Pesq; e Desenv; em Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP,; Orientador: Elenice Deffune;

Regina Avelina Moraes e Silva

Utilização de técnicas de engenharia de tecidos para validação do uso de scaffold de quitosana em ampliação vesical de coelhos; 2012; Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina UNESP de Botucatu, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Orientador: Elenice Deffune;

MATHEUS BERTANHA

Estruturação ex-vivo de Vasos Sangüíneos a partir da Diferenciação de Células Tronco de coelhos; 2011; Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu - UNESP, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Orientador: Elenice Deffune;

Mariele Gobo

Estudo comparativo de Gel de Plaquetas home made versus Hidrocolóide no processo de cicatrização de úlceras crônicas de etiologia venosa; 2011; Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu - UNESP, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Orientador: Elenice Deffune;

Thaiane Cristine Evaristo

Modelo experimental de neotraqueia em coelhos utilizando técnicas de engenharia celular; 2011; Dissertação (Mestrado em Pesq; e Desenv; em Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Orientador: Elenice Deffune;

Daniel Bassetto Jesuino

Análise do desempenho da técnica de clonagem celular por micromanipulação versus diluição limitante; ; 2011; Dissertação (Mestrado em Pesq; e Desenv; em Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP,; Orientador: Elenice Deffune;

Juliane de Campos Inácio

Produção de anticorpos monoclonais dirigidos antígenos de células tronco adulta de origem humana e de coelho; 2011; Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina UNESP de Botucatu,; Orientador: Elenice Deffune;

Silvana Cantu

Avaliação da Intervenção Psicoterapêutica de Modelo Analítico em Crianças e Adolescentes com Doenças Onco-Hematológicas; 2010; Dissertação (Mestrado em Pesq; e Desenv; em Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP,; Orientador: Elenice Deffune;

Gabrielle Reinoldes Bizarria Guilherme

Caracterização de Anticorpos Monoclonais Murinos Anti-Linfócitos B Humanos para Uso em Citometria de Fluxo e Imunoquímica; 2010; Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu - UNESP, Agência Nacional de Vigilância Sanitária; Orientador: Elenice Deffune;

Regina Aparecida Cardoso

Anticorpos Monoclonais em Imunohematologia; 2010; Dissertação (Mestrado em Pesq; e Desenv; em Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Elenice Deffune;

Thaiane Cristine Evaristo

Modelo experimental de neotraquéia em coelho utilizando técnicas de engenharia de tecidos; 2010; Dissertação (Mestrado em Pesq; e Desenv; em Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Orientador: Elenice Deffune;

Aparecida Vitória Gonçalves de Souza

Dificuldades na obtenção de anticorpo monoclonal dirigido contra proteina F recombinante do VSR humano; 2009; Dissertação (Mestrado em MP Pesq; Desenv; em Biotecnologia Médica) - Hemocentro da FMB-UNESP,; Orientador: Elenice Deffune;

Luciandro Pereira Sodré

Validação de anticorpos monoclonal anti-CD45 obtido in house para a utilização em citometria de fluxo; 2009; Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento:Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Mecidina UNESP-Botucatu,; Orientador: Elenice Deffune;

Norma Gondim Cléto

Terapia Celular no tratamento de feridas crônicas; 2009; Dissertação (Mestrado em Pesq; e Desenv; em Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP,; Orientador: Elenice Deffune;

Daniel Bassetto Jesuino

Implementação da clonagem por micromanipulação versus clonagem por diluição limitante; 2009; Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina UNESP de Botucatu,; Orientador: Elenice Deffune;

Andrei Moroz

Avaliação de novas propostas em arcabouços tridimensionais (3D) para cultura de células-tronco mesenquimais e condrogênese; 2009; Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento: Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu - UNESP,; Orientador: Elenice Deffune;

José Henrique Vallim

ANÁLISE DE DESEMPENHO DA VACINAÇÃO PARA HEPATITE B EM MILITARES DO SERVIÇO DE SAÚDE E CONSCRITOS; 2008; 0 f; Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento (Biotecnologia Médica)) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho,; Orientador: Elenice Deffune;

Elaine Cristina Navarro

Curativos bioativos: estudo da forma farmacêutica, vida de prateleira e controle da qualidade; 2008; Dissertação (Mestrado em Pesq; e Desenv; em Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP,; Orientador: Elenice Deffune;

Luiz Henrique S Miahara

Comparação de duas técnicas de triagem de anemia em doadores de sangue; 2007; 93 f; Dissertação - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Fundação Para o Desenvolvimento Médico Hospitalar; Orientador: Elenice Deffune;

Marina de Oliveira e Souza

Determinação de Padrões Citogenéticos em clones de Mieloma Múltiplo Murtino utilizados na Tecnologia de Obtenção de Anticorpos Monoclonais; 2007; 126 f; Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento (Biotecnologia Médica)) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Agência Nacional de Vigilância Sanitária; Orientador: Elenice Deffune;

Illymach Canedo Ferreira de Araújo

Tratamento de Feridas Crônicas de membros Inferiors com Biocurativo; 2007; 198 f; Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional Em Biotecnologia Médica) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho,; Orientador: Elenice Deffune;

Joana Cruz Maragon Machado

Estudo pela Tomografia computadorizada da infiltração gordurosa hepática em pacientes em uso de quimioterapia para linfoma; 2007; 89 f; Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional Em Biotecnologia Médica) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho,; Orientador: Elenice Deffune;

Daniela Di Flora

O PAPEL DO GEL DE PLAQUETAS NO PROCESSO DE CICATRIZAÇÃO DE EM PACIENTES QUEIMADOS; ; 2007; Dissertação (Mestrado em Pesq; e Desenv; em Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP,; Coorientador: Elenice Deffune;

Maira Camila Felix

Potencial imunogênico do gel de plaquetas: Aspectos imunohematológicos e leucoplaquetários; ; 2007; Dissertação (Mestrado em Pesq e Desenvolv; Biotecnologia Médica) - Hemocentro FMB/UNESP,; Coorientador: Elenice Deffune;

Andrei Moroz

Avaliação de novos arcabouços 3D para cultivo de condrócitos provenientes de CTHA; 2007; Dissertação (Mestrado em Pesq; e Desenv; em Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP,; Orientador: Elenice Deffune;

Josy Campanhã Vicentini

Produção e Caracterização de Anticorpos Monoclonais Contra Antígenos de Metacestóides de Taenia saginata; 2007; Dissertação (Mestrado em Pós-Graduação em Medicina Veterinária) - Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia de Botucatu, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Coorientador: Elenice Deffune;

Ana Claudia Matos de Azevedo

AVALIAÇÃO DE DIFERENTES METODOLOGIAS EMPREGADAS NA DETECÇÃO DE ANTICORPOS ANIT-A E ANTI-B DAS CLASSES IgM E IgG EM DOADORES DE SANGUE DO GRUPO ?O?; 2006; Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento:Biotecnologia Médica) - Hemocentro da Faculdade de Mecidina UNESP-Botucatu,; Coorientador: Elenice Deffune;

Priscila Murador

Caracterização Imunoquímica de Anticorpos Monoclonais Murinos e policlçonais dirigidos dirigidos contra antígenos eritrocitários humanos de alta freqüência na população; ; 2005; 73 f; Dissertação - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho,; Orientador: Elenice Deffune;

Nádia Ciocca

Validação dos anticorpos monoclonais anti-plaquetários para uso em citometria de fluxo; 2005; 32 f; Dissertação - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho,; Orientador: Elenice Deffune;

Juice Ishie Macedo

Gerenciamento de resíduos de serviço de saúde - Hospital Municipal de Maringá-PR; 2005; 102 f; Dissertação - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho,; Orientador: Elenice Deffune;

Solange Franzolin

Contribuição da Cultura Celular no Estudo de Implantes periodontais de Titânio; 2004; 62 f; Dissertação - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho,; Orientador: Elenice Deffune;

Marjorie de Assis Golim

Co-orientação - Produção e Validação de Controles Isotípicos marcados com fluorocromo para uso em Citometria de Fluxo; 2004; 73 f; Dissertação - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho,; Coorientador: Elenice Deffune;

Marla Andréia Garcia

Uso de Biocurativo em Úlceras de Pressão; 2004; 64 f; Dissertação - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho,; Orientador: Elenice Deffune;

Gislene C Mastranjo

Controle de Qualidade Microbiológico em Hemocomponentes; 2003; 35 f; Dissertação - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho,; Orientador: Elenice Deffune;

Fábio Cardoso Iuan

Contribuição do Teste Rápido para HIV na liberação de Hemocomponentes com sorologia discordante; 2003; 42 f; Dissertação - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho,; Orientador: Elenice Deffune;

Laura Tiaki Faggian

Tatuagem: Risco real ou preconceito?; 2003; 41 f; Dissertação - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho,; Orientador: Elenice Deffune;

Renata Aparecida Bittencourt

Estudo comparativo de valores CD3/CD4/CD8 e relação CD4:CD8 entre indivíduos com sorologia reagente e não reagente para o HIV na área de abrangência do Hemocentro de Botucatu; 2003; 119 f; Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas (Biologia Celular e Molecular)) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Elenice Deffune;

MARCIA REGINA BUCHIGNANI

Controle de Qualidade em Concentrados de Plaquetas; 2002; 38 f; Dissertação (Mestrado em Fisiopatologia em Clínica Médica) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Coorientador: Elenice Deffune;

Cristiane Aparecida Ferino

Produção de Anticorpos Monoclonais anti-produto de degradação do fibrinogênio/fibrina humano; 2002; 70 f; Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas (Biologia Celular e Molecular)) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho,; Orientador: Elenice Deffune;

Alexandre Krause

Estudo de antígenos Leucocitários Suínos e tolerização Objetivando Xenotransplante; ; 2001; 45 f; Dissertação (Mestrado em Fisiopatologia em Clínica Médica) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Coorientador: Elenice Deffune;

Ana Paula de Oliveira

Estudo Comparativo de Antígenos de Menbrana Eritrocitária em Diferentes Espécies; ; 2001; 50 f; Dissertação (Mestrado em Fisiopatologia em Clínica Médica) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Coorientador: Elenice Deffune;

UBIRAJARA APARECIDO TEIXEIRA

Contribuição ao Estudo da Hemólise Pós-Transfusional em Pacientes Críticos; ; 1995; 38 f; Dissertação (Mestrado em Fisiopatologia em Clínica Médica) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho,; Coorientador: Elenice Deffune;

Herivaldo Ferreira

Ácido Desoxirribonucleico e Ciclo celular de clone Tumoral Murino NS/1 por Citometria de Fluxo; ; 1994; 66 f; Dissertação (Mestrado em Fisiopatologia em Clínica Médica) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Coorientador: Elenice Deffune;

Renato Gonçalves Felix

Modulação do microambiente periférico pelas células tronco mesenquimais e meio condicionado na fibrose pulmonar experimental; 2018; Tese (Doutorado em Ciências Médicas) - Universidade de São Paulo,; Coorientador: Elenice Deffune;

Helga Caputo Nunes

POTENCIAL DE DIFERENCIAÇÃO DE CÉLULAS-TRONCO MESENQUIMAIS TECIDO ADIPOSO HUMANAS EXPOSTAS AO 2,3,7,8-TETRACLORODIBENZENO-P-DIOXINA (TCDD) E BISFENOL A (BPA); 2018; Tese (Doutorado em PG em Biologia Geral e Aplicada) - Instituto de Biociências de Botucatu - UNESP, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Coorientador: Elenice Deffune;

Ryane Schmidt Brock

RETALHO ÓSSEO NEO-FABRICADO DE GÁLEA E PERIÓSTEO PREENCHIDO COM CÉLULAS TRONCO MESENQUIMAIS; ESTUDO EM COELHO; 2017; Tese (Doutorado em Bases Gerais em Cirurgia) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP,; Coorientador: Elenice Deffune;

Geruza Rezende Paiva

Células Tronco na Neurorrafia Término Lateral; Estudo Experimental em Ratos; ,; 2016; Tese (Doutorado em Bases Gerais de Cirurgia) - Faculdade de Medicina de Botucatu Unesp, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Coorientador: Elenice Deffune;

Thaiane Cristine Evaristo

Avaliação histofuncional de neotraquéia desenvolvida por técnicas de engenharia de tecidos; 2015; Tese (Doutorado em Bases Gerais em Cirurgia) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP,; Coorientador: Elenice Deffune;

Juliane Campos Inácio

Tecnologia de Hibridomas na caracterização fenotípica de células tronco mesenquimais derivadas do tecido adiposo humano; 2015; Tese (Doutorado em Bases Gerais em Cirurgia) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Coorientador: Elenice Deffune;

Larissa Correa Hermeto

Efeito da Terapia com Células tronco mesenquimais autólogos na regeneração da cartilagem articular de joelhos de coelhos submetidos à osteoartrite experimental; 2014; Tese (Doutorado em Doutorado em Cirurgia Veterinária) - Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinária de Jaboticabal-UNESP, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Coorientador: Elenice Deffune;

Josy Campanhã Vicentini Oliveira

Desenvolvimento de imunossensor baseado em anticorpos monoclonais contra metacestóides de Taenia saginata; 2014; Tese (Doutorado em Inspeção de Produtos de Origem animal) - Faculdade de medicina veterinária e Zootecnia de Botucatu, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Coorientador: Elenice Deffune;

Priscila Murador

Avaliação histofuncional de matriz heteróloga acelular como scaffold para células tronco de músculo liso para implante em uretra de coelhos; 2013; Tese (Doutorado em Bases Gerais da Cirurgia) - Faculdade de Medicina - Unesp Campus Botucatu,; Coorientador: Elenice Deffune;

Andrei Moroz

Efeitos da Finasterida sobre cultura de células epiteliais prostáticas normais e tumorais em diferentes sistemas in vitro; 2013; Tese (Doutorado em Biologia Geral e Aplicada) - Instituto de Biociências de Botucatu-UNESP, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Coorientador: Elenice Deffune;

Marjorie de Assis Golim

Obtenção de anticorpos monoclonais murinos dirigidos contra antígenos da superfície de linfócitos B humanos para aplicações dignósticas e terapêuticas (fase murina); 2008; 0 f; Tese (Doutorado em Fisiopatologia Em Clínica Médica) - Faculdade de Medicina de Botucatu Unesp,; Coorientador: Elenice Deffune;

RENATA APARECIDA DE CAMARGO BITTENCOURT

Cultura de condrócitos para uso terapêutico: reconstrução de cartilagem; 2008; Tese (Doutorado em Bases Gerais em Cirurgia) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP,; Coorientador: Elenice Deffune;

ROSANA ROSSI FERREIRA

Obtenção de AcMm Anti-fator VIII da Coagulação Sanguínea; 2001; 90 f; Tese (Doutorado em Fisiopatologia em Clínica Médica) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho,; Coorientador: Elenice Deffune;

Asísio Rocha de Oliveira

Contribuição ao estudo da Leucose bovina: caracterização do ciclo celular e identificação da aneuploidia por citometria de fluxo; 1995; 96 f; Tese (Doutorado em Medicina Veterinária) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho,; Coorientador: Elenice Deffune;

Monique Campos Pereira

2016; Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu - UNESP,; Elenice Deffune;

Flávia Cilene alves

Produção de materiais nanoparticulados para processos baseados em imunocitoquímica-; 2011; Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Elenice Deffune;

Michele Janegitz Acorci Valerio

Caracterização e validação de anticorpos monoclonais murinos dirigidos contra antígenos eritrocitários e leucocitários humanos para uso em imunocitoquímica; 2009; Faculdade de Medicina de Botucatu Unesp, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Elenice Deffune;

Ananda Lini Vieira da Rocha

AVALIAÇÃO DOS DESFECHOS PRIMÁRIOS E SECUNDÁRIOS EM PACIENTES SUBMETIDOS A CIRURGIA CARDÍACA COM CEC, NA PRESENÇA OU AUSÊNCIA DE TRANSFUSÃO DE SANGUE; 2020; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Especialização em Ciências da Saúde: Área de concentração- HEMOTER) - Faculdade de Medicina de Botucatu, Secretaria de Estado da Saúde; Orientador: Elenice Deffune;

Pâmela Leite da Silva

Proposta de validação de imunossensor para pesquisa de anticorpos irregulares; 2018; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Especialização em Ciênicas da Saúde; Área de concentração: Hemoter) - Faculdade de Medicina de Botucatu, Secretaria de Estado da Saúde; Orientador: Elenice Deffune;

Laís Priscila de Santis

Hemmocentro de Botucatu: um overview de 23 anos de terapeutica transfusional; 2018; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Aprimoramento Profissional em Hemoterapia) - Faculdade de Medicina de Botucatu, Secretaria de Estado da Saúde; Orientador: Elenice Deffune;

Pâmela Leite da Silva

Pesquisa de Anticorpos Irregulares, Titulação de anti-D, segurança transfusional e novos desafios tecnológicos; 2018; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Aprimoramento Profissional em Hemoterapia) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP, Secretaria de Estado da Saúde; Orientador: Elenice Deffune;

Francine Gabriel Gimenes

VALIDAÇÃO DO ENSAIO DINÂMICO DE FAGOCITOSE: MONOCYTE MONOLAYER ASSAY; 2018; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Especialização Ciências da Saúde: Área de Concentração/Hemoterapia) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP, Secretaria de Estado da Saúde; Orientador: Elenice Deffune;

Mariane Aparecida Risso

Perfil das Transfusões Sanguíneas realizadas na Unidade de Terapia Intensiva da Neonatologia do Hospital das Clínicas de Botucatu (2011 ? 2016); 2017; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Aprimoramento Profissional PAP FUNDAP em) - Faculdade de Medicina de Botucatu, Fundação de Apoio Profissional; Orientador: Elenice Deffune;

Laís Priscila de Santis

CARACTERIZAÇÃO IMUNO-HEMATOLÓGICA DE ANTICORPOS MONOCLONAIS ANTI-ERITROCITÁRIOS DE PERFIL PÚBLICO; 2017; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Especialização em Ciênicas da Saúde; Área de concentração: Hemoter) - Faculdade de Medicina de Botucatu, Secretaria de Estado da Saúde; Orientador: Elenice Deffune;

Pâmela Leite da Silva

Proposta de Validação de Imunossensor para Pesquisa de Anticorpos Irregulares; 2017; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Ciências da Saúde: Área de concentração/Hemoterapia) - Faculdade de Medicina - Unesp Campus Botucatu, Secretaria de Estado da Saúde; Orientador: Elenice Deffune;

Flávia Genta Saliba

Identificação de Oportunidades de Melhorias no Atendimento das Agências Transfusionais do Hemocentro de Botucatu; 2016; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Aprimoramento Profissional em Hemoterapia) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP, Fundação desenvolvimento Profissional; Orientador: Elenice Deffune;

Caroline Mitiká Watanabe

Validação de anticorpo policlonal anti-Dia; 2015; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Aprimoramento Profissional PAP-FUNDAP em Hemoterap) - Faculdade de Medicina de Botucatu, Fundação de Apoio Profissional; Orientador: Elenice Deffune;

Andrea Simoni de Zappa Passeto

Aféreses terapeuticas no distrito federal: diagnóstico situcional; 2014; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Hemoterapia) - Faculdade de Ciências de Bauru, FGundação Hemocentro de Brasília; Orientador: Elenice Deffune;

Aveline da Costa Azevedo

Análise da Utilização de Concentrado de Hemácias Solicitados de Reserva Cirúrgica do HRT; 2014; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Hemoterapia) - Faculdade de Ciências de Bauru, FGundação Hemocentro de Brasília; Orientador: Elenice Deffune;

Livia Maria Pascoal Olício

Análise da Utilização de Concentrado de Hemácias em Reservas Cirúrgicas; 2014; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Hemoterapia) - Faculdade de Ciências de Bauru, FGundação Hemocentro de Brasília; Orientador: Elenice Deffune;

Wivianne dos Santos Costa

Análise da Utilização de CH solicitados para reserva cirúrgica no Hospital de Taguatinga-DF; 2014; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Hemoterapia) - Faculdade de Ciências de Bauru, FGundação Hemocentro de Brasília; Orientador: Elenice Deffune;

João Batista Monteiro Tajra

Pesquisa de anticorpos irregulares em pacientes vítimas de trauma, atendidos nos hospitais públicos do DF de 2007-2013; 2014; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Hemoterapia) - Faculdade de Ciências de Bauru, FGundação Hemocentro de Brasília; Orientador: Elenice Deffune;

Isabele Silveira Rosa

Padronização do PRP para uso em ortopedia; 2014; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Aprimoramento Profissional em Hemoterapia) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP, Fundação para Aprimoramento Profissional; Orientador: Elenice Deffune;

Juliana Ravelli Baldassarre Martins

Criopreservação de hemácias; 2013; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Aprimoramento Profissional em Hemoterapia) - Faculdade de Medicina - Unesp Campus Botucatu, Fundação desenvolvimento Profissional; Orientador: Elenice Deffune;

Jussara Zanella Giaretta

Estudo comparativo do período pré e pós-implantação da seccional do CRF-SP em Avaré: contribuição no processo de evolução da assistência farmacêutica; 2013; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em MBA em Getão e Auditoria em Sistemas de Saúde) - Instituição de Pós Graduação; Orientador: Elenice Deffune;

Caroline Mitiká Watanabe

Validação de anticorpo policlonal anti ? Dia; ; 2013; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Programa de Aprimoramento Profissional PAP-FUNDAP) - Faculdade de Medicina de Botucatu, Fundação de Apoio Profissional; Orientador: Elenice Deffune;

Wilson Rodrigo Alves Carvalho

Caracterização da especificidade de anticorpos monoclonais anti-eritrócitos humanos; 2012; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Aprimoramento Profissional em Hemoterapia) - Faculdade de Medicina - Unesp Campus Botucatu, Fundação desenvolvimento Profissional; Orientador: Elenice Deffune;

ONDINA SILVIA COTRIM

Impacto da Divulgação da Pesquisa sobre Biocurativos e Avaliação Psico-social dos Pacientes; 2012; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Saúde Pública com ênfase em Saúde da Família) - Centro Universitário Internacional, UNINTER; Orientador: Elenice Deffune;

Thaiane Cristine Evaristo

Impacto do NAT na Segurança Transfusional; 2010; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Especialização em Hematologia e Hemotera) - ESEFAP; Orientador: Elenice Deffune;

Marcos Cintra

Pasteruização como método de inativação viral; 2010; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Segurança Transfusional) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP; Orientador: Elenice Deffune;

Andre Luiz de Souza

Avaliação Critica das Requisições Transfusionais do Hospital Geral de Palmas; ; 2010; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Segurança Transfusional) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP, Fundo Manional de Saúde/MS; Orientador: Elenice Deffune;

Edivirges Genoveva Desen

Gerenciamento de resíduos de origem farmacêutica: revisão; 2010; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em MBA em Gestão Hospitalar) - Uninter - Grupo Educacional; Orientador: Elenice Deffune;

ONDINA SILVIA COTRIM

Importância da Segregação de Materiais no Gerenciamento de Lixo Hospitalar; 2010; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em MBA em Gestão Hospitalar) - Uninter - Grupo Educacional; Orientador: Elenice Deffune;

Juliane Campos Inácio

Caracterização de anticorpo monoclonal anti-N; 2009; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Aprimoramento Profissional em Hemoterapia) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP, Fundação desenvolvimento Profissional; Orientador: Elenice Deffune;

Denise de Oliveira Pecoraro

CONTRIBUIÇÃO DO USO DO BIOCURATIVO NO HOSPITAL DAS CLÍNICAS DA FACULDADE DE MEDICINA DE BOTUCATU ? UNESP; 2008; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Aprimoramento Profissional em Hemoterapia) - Curso de Aprimoramento Profissional PAP-FUNDAP em Hemoterapia, Fundação Para o Aprimoramento Profissional do Estado de São Paulo; Orientador: Elenice Deffune;

Thaísa Amanda Medolago

Uso do Biocurativo em tratamento domiciliar na região de Botucatu; 2008; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Aprimoramento Profissional em Hemoterapia) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP, Fundação desenvolvimento Profissional; Orientador: Elenice Deffune;

Bianca Fiorucci

Transfusão ambulatorial no Hemocentro de Botucatu; 2008; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Aprimoramento Profissional em Hemoterapia) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP, Fundação desenvolvimento Profissional; Orientador: Elenice Deffune;

Thaiane Cristine Evaristo

Monitoramento do índice de satisfação do doador de sangue do Hemocentro de Botucatu em 2003, 2004 e 2008; ; 2008; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Aprimoramento Profissional em Hemoterapia) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP, Fundação Para o Aprimoramento Profissional do Estado de São Paulo; Orientador: Elenice Deffune;

Linda Noguchi

Hemoterapia como saúde pública; 2008; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Aprimoramento Profissional em Hemoterapia) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP, Fundação Para o Aprimoramento Profissional do Estado de São Paulo; Orientador: Elenice Deffune;

Edmarcia Elisa de Souza

Expressão, purificação e teste de cristalização da proteína AtRLI2 (RNAse L inhibitor) de Arabidopsis thaliana, uma supressora de silenciamento por RNA; 2008; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Aprimoramento Profissional em Hemoterapia) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP, Fundação desenvolvimento Profissional; Orientador: Elenice Deffune;

Helder Teixeira

ANÁLISE COMPARATIVA DO DESEMPENHO DE MINIPAINEL DE HEMÁCIAS PRODUZIDO IN HOUSE VERSUS MINIPAINEL DE HEMÁCIAS COMERCIAL NA PESQUISA E IDENTIFICAÇÃO DE ANTICORPOS IRREGULARES DE PAI EM DOADORES E RECEPTORES DE SANGUE NA FUNDAÇÃO HEMOCENTRO DE BRASÍLIA; ; 2008; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em REGULAÇÃO E VIGILÂNCIA SANITÁRIA EM HEMOTERAPIA E) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP, Agência Nacional de Vigilância Sanitária; Orientador: Elenice Deffune;

Ana Célia Alencar Fonseca

Aspectos jurídicos dos conflitos ético-religiosos relacionados à transfusão sangüínea no Brasil; 2008; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em REGULAÇÃO E VIGILÂNCIA SANITÁRIA EM HEMOTERAPIA E) - Faculdade de Medicina de Botucatu Unesp, Agência Nacional de Vigilância Sanitária; Orientador: Elenice Deffune;

Christiane da Silva Costa

Avaliação Externa da Qualidade em Serviços de Hemoterapia; 2008; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em REGULAÇÃO E VIGILÂNCIA SANITÁRIA EM HEMOTERAPIA E) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP, Agência Nacional de Vigilância Sanitária; Orientador: Elenice Deffune;

Daniel Roberto Coradi De Freitas

Avaliação dos resultados da pesquisa de anticorpos reativos contra painel HLA classe I e II em pacientes renais crônicos aguardando transplante renal no Distrito Federal em 2006; 2008; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em REGULAÇÃO E VIGILÂNCIA SANITÁRIA EM HEMOTERAPIA E) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP, Agência Nacional de Vigilância Sanitária; Orientador: Elenice Deffune;

Valéria Oliveira Chiaro

Avaliação dos resultados da pesquisa de anticorpos reativos contra painel HLA classe I e II em pacientes renais crônicos aguardando transplante renal no Distrito Federal em 2005; 2008; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em REGULAÇÃO E VIGILÂNCIA SANITÁRIA EM HEMOTERAPIA E) - Faculdade de Medicina de Botucatu Unesp, Agência Nacional de Vigilância Sanitária; Orientador: Elenice Deffune;

Acacia Maria de Oliveira Brandao

PERCEPÇÃO DA VIGILÂNCIA SANITÁRIA COMO FATOR DE REFERENCIA DE QUALIDADE DO SERVIÇO HEMOTERÁPICO, NA ÓTICA DO DOADOR DE SANGUE; ; 2008; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em REGULAÇÃO E VIGILÂNCIA SANITÁRIA EM HEMOTERAPIA E) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP, Agência Nacional de Vigilância Sanitária; Orientador: Elenice Deffune;

GERLANE MARIA LEAL SILVA

PERCEPÇÃO DA VIGILÂNCIA SANITÁRIA COMO FATOR DE REFERENCIA DE QUALIDADE DO SERVIÇO HEMOTERÁPICO, NA ÓTICA DO DOADOR DE SANGUE DO ESTADO DA BAHIA; ; 2008; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em REGULAÇÃO E VIGILÂNCIA SANITÁRIA EM HEMOTERAPIA E) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP, Agência Nacional de Vigilância Sanitária; Orientador: Elenice Deffune;

Janaina Trevizan Andreotti

PERFIL DOS DOADORES DE CÓRNEAS EM; 2008; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em REGULAÇÃO E VIGILÂNCIA SANITÁRIA EM HEMOTERAPIA E) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP, Agência Nacional de Vigilância Sanitária; Orientador: Elenice Deffune;

Lara Alonso da Silva

PERFIL DOS DOADORES DE CÓRNEAS EM; 2008; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em REGULAÇÃO E VIGILÂNCIA SANITÁRIA EM HEMOTERAPIA E) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP, Agência Nacional de Vigilância Sanitária; Orientador: Elenice Deffune;

João Batista Silva Junior

ROTEIRO DE INSPEÇÃO SANITÁRIA EM SERVIÇOS DE HEMOTERAPIA:; 2008; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em REGULAÇÃO E VIGILÂNCIA SANITÁRIA EM HEMOTERAPIA E) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP, Agência Nacional de Vigilância Sanitária; Orientador: Elenice Deffune;

Ana Lúcia Barsante

ROTEIRO DE INSPEÇÃO SANITÁRIA EM SERVIÇOS DE HEMOTERAPIA:; 2008; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em REGULAÇÃO E VIGILÂNCIA SANITÁRIA EM HEMOTERAPIA E) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP, Agência Nacional de Vigilância Sanitária; Orientador: Elenice Deffune;

Maura Regina Aquino Ferreira

AVALIAÇÃO DO DESCARTE SORÓLOGICO NOS SERVIÇOS DE HEMOTERAPIA DO RIO GRANDE DO SUL; 2008; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em REGULAÇÃO E VIGILÂNCIA SANITÁRIA EM HEMOTERAPIA E) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP, Agência Nacional de Vigilância Sanitária; Orientador: Elenice Deffune;

MARISA MARTINELLI MERUVIA

AVALIAÇÃO DO DESCARTE SORÓLOGICO NOS SERVIÇOS DE HEMOTERAPIA DO RIO GRANDE DO SUL; 2008; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em REGULAÇÃO E VIGILÂNCIA SANITÁRIA EM HEMOTERAPIA E) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP, Agência Nacional de Vigilância Sanitária; Orientador: Elenice Deffune;

Régia Pires Romcy

ESTUDO DAS CAUSAS DE DESCARTE DE HEMOCOMPONENTES NO HEMOCENTRO DO ESTADO DO CEARÁ NO ANO DE 2006; ; 2008; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em REGULAÇÃO E VIGILÂNCIA SANITÁRIA EM HEMOTERAPIA E) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP, Agência Nacional de Vigilância Sanitária; Orientador: Elenice Deffune;

Renata Miranda Parca

Panorama da Legislação Brasileira e Mundial sobre uso de Células-Tronco Embrionárias Humanas em Pesquisa e Terapia; 2008; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em REGULAÇÃO E VIGILÂNCIA SANITÁRIA EM HEMOTERAPIA E) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP, Agência Nacional de Vigilância Sanitária; Orientador: Elenice Deffune;

Izildinha Pedreira Barros

Biossegurança nos Hemocentros Coordenadores -GO; 2008; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em REGULAÇÃO E VIGILÂNCIA SANITÁRIA EM HEMOTERAPIA E) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP, Agência Nacional de Vigilância Sanitária; Orientador: Elenice Deffune;

Izilda Augusto dos Santos

Biossegurança nos Hemocentros Coordenadores - RJ; 2008; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em REGULAÇÃO E VIGILÂNCIA SANITÁRIA EM HEMOTERAPIA E) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP, Agência Nacional de Vigilância Sanitária; Orientador: Elenice Deffune;

Maria Rita Botelho Azevedo

Biossegurança nos Hemocentros Coordenadores - TO; 2008; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em REGULAÇÃO E VIGILÂNCIA SANITÁRIA EM HEMOTERAPIA E) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP, Agência Nacional de Vigilância Sanitária; Orientador: Elenice Deffune;

Maria Salete Naro Guimarães

AVALIAÇÃO DA RACIONALIDADE DO ESTOQUE ESTRATÉGICO DE HEMOCOMPONENTES NAS AGÊNCIAS TRANSFUSIONAIS DOS ESTADOS DA PARAÍBA E RIO GRANDE DO NORTE; 2008; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em REGULAÇÃO E VIGILÂNCIA SANITÁRIA EM HEMOTERAPIA E) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP, Agência Nacional de Vigilância Sanitária; Orientador: Elenice Deffune;

Tereza Machado

Organização das Vigilâncias Sanitárias Estaduais da Região Norte do Brasil e Atuação na Área de Sangue, outros Tecidos, Células e Órgãos; ; 2008; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em REGULAÇÃO E VIGILÂNCIA SANITÁRIA EM HEMOTERAPIA E) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP, Agência Nacional de Vigilância Sanitária; Orientador: Elenice Deffune;

Deodoro Máximo de Alencar Filho

Programa de Monitoramento da Qualidade Sorológica dos Serviços de Hemoterapia do Estado de Minas Gerais; ; 2008; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em REGULAÇÃO E VIGILÂNCIA SANITÁRIA EM HEMOTERAPIA E) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP, Agência Nacional de Vigilância Sanitária; Orientador: Elenice Deffune;

Gabrielle Reinoldes Guilherme

Validação de Antiglobulina Humana de origem monoclonal; 2007; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Aprimoramento Profissional em Hemoterapia) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP, Fundação desenvolvimento Profissional; Orientador: Elenice Deffune;

Elaine Cristina Navarro

ABORTO ESPONTÂNEO RECORRENTE, ALO-ANTICORPOS ANTI PP1PK E APOPTOSE PLACENTÁRIA; 2006; 0 f; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Aprimoramento Pap Fundap) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Fundação Para o Aprimoramento Profissional do Estado de São Paulo; Orientador: Elenice Deffune;

Nádia Coccia

Caracterização de Anticorpo Monoclonal dirigido contra antígenos plaquetários; 2005; 0 f; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Aprimoramento Profissional Em Hemoterapia) - Fundação Para o Aprimoramento Profissional do Estado de São Paulo, Fundação Para o Aprimoramento Profissional do Estado de São Paulo; Orientador: Elenice Deffune;

Gleide Silva

Caracterização Imunoquímica de anticorpo monoclonal de especificidade anti-A1; 2005; 0 f; Monografia - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Fundação Para o Aprimoramento Profissional do Estado de São Paulo; Orientador: Elenice Deffune;

Marina Souza

Caracterizaçao citogenética de clones secretores de anticorpos monoclonais; 2005; 21 f; Monografia - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Fundação Para o Aprimoramento Profissional do Estado de São Paulo; Orientador: Elenice Deffune;

Ana Claudia Matos de Azevedo

Ciclo do Sangue; 2004; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Aprimoramento Profissional PAP-FUNDAP em Hemoterap) - Faculdade de Medicina de Botucatu, Fundação para Aprimoramento Profissional; Orientador: Elenice Deffune;

AA Almeida

Perfil do Biomédico nas atividades hemoterápicas; 2003; 0 f; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Aprimoramento Em Hemoterapia) - Fundação Para o Aprimoramento Profissional do Estado de São Paulo, Fundação Para o Aprimoramento Profissional do Estado de São Paulo; Orientador: Elenice Deffune;

Patrícia Carvalho Garcia

Identificação de Anticorpos Irregulares em doadores de sangue do Hemocentro de Botucatu; 2002; 0 f; Monografia - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Fundação Para o Aprimoramento Profissional do Estado de São Paulo; Orientador: Elenice Deffune;

Maércio José de Oliveira Alho

Avaliação do desempenho do teste rápido de HIV - Determine em acidentes de trabalho; 2001; 0 f; Monografia - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Fundação Para o Aprimoramento Profissional do Estado de São Paulo; Orientador: Elenice Deffune;

Kátia Paes

Contribuição da Determinação das Sub-Classes de IgG ( IgG1 e IgG3) por citometria de fluxo na definição de gravidade da doença hemolítica peri-natal; ; 2001; 30 f; Monografia - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Fundação Para o Aprimoramento Profissional do Estado de São Paulo; Orientador: Elenice Deffune;

Cristiane Aparecida Ferino

Uso terapeutico de anticorpos monoclonais; 2000; 23 f; Monografia - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Fundação Para o Aprimoramento Profissional do Estado de São Paulo; Orientador: Elenice Deffune;

Marcimara Penitente

Contribuição do imunoblotting na caractereização do autoanticorpo em anemias hemolíticas auto-imunes; 2000; 28 f; Monografia - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Fundação Para o Aprimoramento Profissional do Estado de São Paulo; Orientador: Elenice Deffune;

Débora Ventrella

Desafio do uso de painéis comerciais americanos e europeus no screening de aloanticorpos no Hemocentro de Botucatu; 2000; 23 f; Monografia - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Fundação Para o Aprimoramento Profissional do Estado de São Paulo; Orientador: Elenice Deffune;

Maria Cecília Toralles Pereira

Estudo de neoplasia com diferenciação plasmocitária: imunofenotipagem e ciclo celular por citometria de fluxo; ; 1998; 47 f; Monografia - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Fundação Para o Aprimoramento Profissional do Estado de São Paulo; Orientador: Elenice Deffune;

Renata Aparecida Bittencourt

Imunologia, Células TCD4+/CD8+ e o HIV; 1998; 50 f; Monografia - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho; Orientador: Elenice Deffune;

Elenilze Aparecida ramos

Definição de valores de referência para o estado de hipercoagulabilidade em gestantes no terceiro trimestre; ; 1997; 28 f; Monografia - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Fundação Para o Aprimoramento Profissional do Estado de São Paulo; Orientador: Elenice Deffune;

Maria Márcia Scapolio Martins

Dosagem Bioquimica de Alanina Aminotransferase e Gama-Glutamil-Transferase como parametros de não conformidade de hemocomponentespara uso terapêutico; ; 1996; 32 f; Monografia - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Fundação Para o Aprimoramento Profissional do Estado de São Paulo; Orientador: Elenice Deffune;

Avelina Maria Ferreira Gabaldi Lopes

Detecção de Hemorragia feto-maternal pela técnica de Kleihauer-Betke; ; 1996; 56 f; Monografia - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Fundação Para o Aprimoramento Profissional do Estado de São Paulo; Orientador: Elenice Deffune;

Simone Pereira Almeida Gonçalves

Enfermagem em hemoterapia e hematologia; ; 1995; 40 f; Monografia - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Fundação Para o Aprimoramento Profissional do Estado de São Paulo; Orientador: Elenice Deffune;

Márcia Lúcia Gasparini

Biossegurança e Qualidade de Saúde do trabalhador da área de Hemoterapia; ; 1995; 42 f; Monografia - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Fundação Para o Aprimoramento Profissional do Estado de São Paulo; Orientador: Elenice Deffune;

MARCIA REGINA BUCHIGNANI

Controle de Qualidade de Concentrados de Plaquetas; ; 1995; 54 f; Monografia - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Fundação Para o Aprimoramento Profissional do Estado de São Paulo; Orientador: Elenice Deffune;

Ligia Mayume Abe

Lisado de hemácias humanas: análise da estabilidade dos diferentes antígenos; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Biomedicina) - Instituto de Biociências de Botucatu - UNESP; Orientador: Elenice Deffune;

Juliane Kitagawa Martins

Aspectos Reológicos e Determinação de DNA Residual em Traqueias Descelularizadas Utilizando; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Biomedicina) - Instituto de Biociências de Botucatu - UNESP, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Orientador: Elenice Deffune;

Ana Lívia de Carvalho Bovolato

Avaliação da qualidade de vasos sanguíneos decelularizados; 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Biomedicina) - Instituto de Biociências de Botucatu-UNESP; Orientador: Elenice Deffune;

Patrick Atademos Felipe

Engenharia Celular; 2012; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Biomedicina) - Instituto de Biociências da Unesp de Botucatu; Orientador: Elenice Deffune;

Rafael Factor Carandina

Ação de nanopartículas estruturadas de manganês sobre viabilidade de células prostáticas humanas tumorais; 2012; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Biomedicina) - Instituto de Biociências da Unesp de Botucatu; Orientador: Elenice Deffune;

Paula Scatena

Influência de diferentes extratos de Cordia ecalyculata em cultura de células-tronco mesenquimais; 2010; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Biomedicina) - Instituto de Biociências de Botucatu-UNESP; Orientador: Elenice Deffune;

Regina Avelina Moraes e Silva

Expansão ex vivo de células uroteliais em scaffold 3 D; 2010; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Biomedicina) - Faculdade de Biomedicina UNESP Botucatu; Orientador: Elenice Deffune;

Woner Mion

Influência da luz LED na cultura celular de mieloma múltiplo murino; 2009; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Física Médica) - Faculdade de Medicina de Botucatu Unesp; Orientador: Elenice Deffune;

Renan Padron Almeida

PRODUÇÃO DE ANTICORPOS MONOCLONAIS MURINOS DIRIGIDOS CONTRA CÉLULAS-TRONCO MESENQUIMAIS DE COELHO; 2009; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Biomedicina) - Faculdade de Biomedicina UNESP Botucatu; Orientador: Elenice Deffune;

DANIEL BASSETO JESUÍNO

Implementação da Clonagem Celular por micromanipulação; 2008; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Biologia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho; Orientador: Elenice Deffune;

Alba Cristina Albano

Grau de Conhecimento em Hemoterapia dos enfermeiros no município de Botucatu; 2007; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Enfermagem) - Faculdade de Enfermagem Marechal Rondon; Orientador: Elenice Deffune;

Aruã Prudenciatti

Uso da latrunculina como inibidor da polimerização da actina de fungos; 2019; Iniciação Científica; (Graduando em Engenharia de Bioprocessos e Biotecnologia) - Faculdade de Medicina de Botucatu, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Orientador: Elenice Deffune;

Juliana Kitagawa Martins

Aspectos Reológicos e Determinação de DNA Residual em Traqueias Descelularizadas Utilizando Equipamento Multifuncional; 2018; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências Biológicas) - Faculdade de Medicina de Botucatu, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Orientador: Elenice Deffune;

Murilo Oliveira da Silva

USO DA LATRUNCULINA B NO CONTROLE DE CONTAMINAÇÕES BACTERIANAS:APLICAÇÃO EM ENGENHARIA CELULAR; 2018; Iniciação Científica; (Graduando em Engenharia de Bioprocessos e Biotecnologia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Orientador: Elenice Deffune;

Gilmara Alves

Análise de viabilidade de células briopreservadas em banco de células; 2017; Iniciação Científica - Hemocentro da Faculdade de Mecidina UNESP-Botucatu; Orientador: Elenice Deffune;

Carla Ferreira Queiroz

Engenharia Celular; 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Engenharia de Bioprocessos e Biotecnologia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Pro reitoria de pesquisa; Orientador: Elenice Deffune;

Ingrid Fugivara Prado

Caracterização de anticorpos monoclonais dirigidos contra antígenos de Linfócito B humano; 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências Biológicas) - Faculdade de Medicina de Botucatu; Orientador: Elenice Deffune;

Natália Barbosa de Melo Carvalho

ANÁLISE DE DESEMPENHO DE MEMBRANAS DE QUITOSANA, E FIBROÍNA DA SEDA DOPADAS COM HORMÕNIOS DERIVADOS DE PLAQUETAS NO CULTIVO DE CÉLULAS TRONCO MESENQUIMAIS; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Faculdade de Ciências de Bauru; Orientador: Elenice Deffune;

Camila Maleski

Avaliação quantitatica de células tronco mesenquimais em três diferentes métodos de lipoaspiração; ; 2015; Iniciação Científica - Hemocentro do Hospital das Clínicas da FMB-UNESP; Orientador: Elenice Deffune;

SAMARA CRISTINA DA SILVA PEREIRA

Formação de futuros pesquisadores; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Mecatrônica) - Colégio Estadual Industrial; Orientador: Elenice Deffune;

Matheus Chiaradia Dias

Caracterização de anticorpos monoclonal anti-IsAa; 2015; Iniciação Científica - Hemocentro da Faculdade de Mecidina UNESP-Botucatu; Orientador: Elenice Deffune;

Lucas Yamada Kurosaki

AVALIAÇÃO DA INDICAÇÃO DE RESERVA CIRÚRGICA DE SANGUE X USO DE HEMOCOMPONENTES EM PACIENTES SUBMETIDOS À CIRURGIA UROLÓGICA NO HOSPITAL DAS CLÍNICAS DE BOTUCATU; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Orientador: Elenice Deffune;

Rodrigo André Galvão

Técnicas de Engenharia Celular - atividades complementares de iniciação científica; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Biomedicina) - Instituto de Biociências da Unesp de Botucatu; Orientador: Elenice Deffune;

Isabelle Silveira Rosa

Monitoramento da qualidade de anti-A monoclonal obtido in house; 2011; Iniciação Científica; (Graduando em Biomedicina) - Faculdade Sudoeste Paulista; Orientador: Elenice Deffune;

Rafael Carandina

Ciência Especial; 2011; Iniciação Científica; (Graduando em Biomedicina) - Faculdade de Biomedicina UNESP Botucatu; Orientador: Elenice Deffune;

Juliana Ravelli Baldassarre Martins

MARCADORES DE SUPERFÍCIE DE CÉLULAS-TRONCO: ESTUDO DE REAÇÃO CRUZADA INTER-ESPÉCIES?; 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Biomedicina) - Faculdade de Biomedicina UNESP Botucatu; Orientador: Elenice Deffune;

Aline Aun

Padronização da Expansão ex vivo de fibroblasto dermóide para aplicação terapêutica; 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Biomedicina) - Universida Paulista; Orientador: Elenice Deffune;

Aline Aun

Obtenção e caracterização de célula tronco folicular; 2009; Iniciação Científica - Hemocentro da Faculdade de Mecidina UNESP-Botucatu; Orientador: Elenice Deffune;

Regina Avelina de Moraes da Silva

Expansão ex vivo de células uroteliais em scaffold 3 D; 2009; Iniciação Científica; (Graduando em Biomedicina) - Universidade Estadual Paulista - UNESP Câmpus de Botucatu; Orientador: Elenice Deffune;

Paula Scatena

Influência de diferentes extratos de cordia ecalyculata em cultura de células tronco mesenquimais; 2009; Iniciação Científica; (Graduando em Biomedicina) - Faculdade de Biomedicina UNESP Botucatu; Orientador: Elenice Deffune;

Renan Padron de Almeida

Produção de anticorpos monoclonais anti-oligogrenina; 2008; Iniciação Científica; (Graduando em Faculdade de Biomedicina) - Faculdade de Biomedicina de Botucatu; Orientador: Elenice Deffune;

Andrei Moroz

Caracterização histológica de cartilagem obtida através da expansão ex vivo e diferentiação de Células tronco; 2006; 17 f; Iniciação Científica - Fundação Para o Desenvolvimento Médico Hospitalar; Orientador: Elenice Deffune;

Gabrille Reinolds Bizarria Guilherme

Comparação do Índice Apoptótico Progressivo em Cultura de Condrócitos; 2006; 47 f; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho; Orientador: Elenice Deffune;

Carolina Negrão Baldoni

Uso de tecidos na reparação de nervo: enxerto de veia preenchido por cultura de células tronco diferenciada em célula de Schwann em intervalo de 15 mm; Estudo no rato; ; 2006; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Orientador: Elenice Deffune;

Joyce Regina Zapaterini

Caracterização de Anticorpos Monoclonais murinos anti-leucocitários; 2006; 12 f; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Programa de Apoio Ao Estudante Unesp; Orientador: Elenice Deffune;

Eduardo Sakai

Epidemiologia das Reações Transfusionais no Hemocentro de Botucatu; 2005; 0 f; Iniciação Científica - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Fundação Para o Desenvolvimento Médico Hospitalar; Orientador: Elenice Deffune;

DEBORA BOTEQUIO MORETTI

Dissociação e caracterização de alo-anticorpo anti-PP1Pk; 2005; 16 f; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho; Orientador: Elenice Deffune;

Daniel Bassetto Jesuino

PADRONIZAÇÃO E VALIDAÇÃO DAS TÉCNICAS DE SORO-CONVERSÃO PARA A PRODUÇÃO DE PAINÉS DE CONTROLE DE QUALIDADE EM TESTES LABORATORIAIS; ; 2005; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho; Orientador: Elenice Deffune;

Gilsara Alves

Cultura de osteoblastos em superfícies de titânio; 2004; 23 f; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Fundação Para o Desenvolvimento Médico Hospitalar; Orientador: Elenice Deffune;

Dalva Mariana Affonso

Avaliação da toxicidade dos principais componentes do óleo essencial de cravo, com a finalidade odontológica, após Lena-up em cultura de células derivadas do ligamento periodontal humano; 2004; 61 f; Iniciação Científica; (Graduando em Biologia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Orientador: Elenice Deffune;

Natália Munhoz Alves

Estágio Instrumental em Imunologia; 2019; Orientação de outra natureza; (Biomedicina) - Instituto de Biociências da Unesp de Botucatu; Orientador: Elenice Deffune;

Matheus Alvarenga

Estágio supervisionado; 2018; Orientação de outra natureza; (Biomedicina) - Instituto de Biociências de Botucatu - UNESP; Orientador: Elenice Deffune;

Lígia Mayumi Abe

Engenharia Celular e hemoterapia; 2017; Orientação de outra natureza; (Ciências Biológicas) - Faculdade de Medicina de Botucatu; Orientador: Elenice Deffune;

Julio Mariano Neto

Estágio de Atividades Complementares do Curso de Biomedicina; 2017; Orientação de outra natureza; (Estágio não remunerado de atividades práticas) - Laboratório de Engenharia Celular do Hemocentro HC-UNESP; Orientador: Elenice Deffune;

Lia Ayume Umezawa

Avaliação do perfil de citocinas pró e anti inflamatórias em enxertos de vasos decelularizados e recelularizados; 2017; Orientação de outra natureza; (Ciências Biológicas) - Faculdade de Medicina de Botucatu; Orientador: Elenice Deffune;

Natália Akemi Kohori

Treinamento em Cultura de Células Tronco Mesenquimais derivadas de Tecido Adiposo Humano; 2017; Orientação de outra natureza; (Engenharia de Bioprocessos e Biotecnologia) - Faculdade de Medicina de Botucatu; Orientador: Elenice Deffune;

Aline Gomes Melo

Estágio Observacional; 2016; Orientação de outra natureza; (Ciências Biomédicas) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho; Orientador: Elenice Deffune;

Juliana Kitagawa Martins

Estágio Observacional; 2016; Orientação de outra natureza; (Ciências Biomédicas) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho; Orientador: Elenice Deffune;

Luana Sacramento Vilela

Treinamento em Cultura Celular; 2016; Orientação de outra natureza; (Aprimoramento Profissional PAP-FUNDAP área de concentração neurologia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho; Orientador: Elenice Deffune;

Alexandre Giannecchini Romagnolo

Cultura Celular; 2016; Orientação de outra natureza; (Estágio não remunerado de atividades práticas) - Laboratório de Engenharia Celular do Hemocentro HC-UNESP; Orientador: Elenice Deffune;

ANA LUIZA DIAN

Engenharia celular; 2016; Orientação de outra natureza; (Estágio não remunerado de atividades práticas) - Laboratório de Engenharia Celular do Hemocentro HC-UNESP; Orientador: Elenice Deffune;

Jéssica Maria Diehl

ATIVIDADES COMPLEMENTARES DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA (ATIVIDADE DE OBSERVAÇÃO EM LABORATÓRIO); 2016; Orientação de outra natureza; (Estágio não remunerado de atividades práticas) - Laboratório de Engenharia Celular do Hemocentro HC-UNESP; Orientador: Elenice Deffune;

Ana Carolina de Oliveira Souza

Estágio de Atividades Complementares do Curso de Biomedicina; 2015; Orientação de outra natureza; (Biomedicina) - Faculdade de Biomedicina; Orientador: Elenice Deffune;

Georgia Kros Quiles

Laboratório de Engenharia Celular - estágio observacional; 2015; Orientação de outra natureza; (Biomedicina) - Instituto de Biociências de Botucatu - UNESP; Orientador: Elenice Deffune;

Aline Cristine Michelin Dal Pai

Contribuição do LED no descongelamento de hibridomas; 2015; Orientação de outra natureza; (Medicina) - Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP; Orientador: Elenice Deffune;

Iuly Maria Berdt Cunico Figueiro

Aspectos práticos da cultura celular; 2015; Orientação de outra natureza; (Biomedicina) - Instituto de Biociências da Unesp; Orientador: Elenice Deffune;

Melina Rodrigues Bellini

Estágio Observacional; 2015; Orientação de outra natureza; (Ciências Biológicas) - Centro Universitário Sagrado Coração; Orientador: Elenice Deffune;

Jéssica Maria Diehl

Estágio Observacional; 2015; Orientação de outra natureza; (Biomedicina) - Instituto de Biociências da Unesp; Orientador: Elenice Deffune;

Beatriz Fernanda Conforti Dovadoni

Estágio Observacional no Laboratório de Engenharia Celular; 2015; Orientação de outra natureza; (Biomedicina) - Instituto de Biociências da Unesp; Orientador: Elenice Deffune;

Ana Cláudia Simões

Técnicas de Engenharia Celular; 2013; Orientação de outra natureza; (Estágio não remunerado de atividades práticas) - Laboratório de Engenharia Celular do Hemocentro HC-UNESP; Orientador: Elenice Deffune;

Sandra Ester Alves Correa

Atuação da enfermagem com curativos bioativos; 2009; Orientação de outra natureza; (Programa de Aprendizagem e Treinamento- PRAT) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu - UNESP; Orientador: Elenice Deffune;

Luciana Tanaka

Treinamento prático de Técnico de cultura celular; 2009; Orientação de outra natureza; (Programa de Aprendizado Profissional - PRAT) - Hemocentro da Faculdade de Medicina de Botucatu-UNESP; Orientador: Elenice Deffune;

Carlos Henrique Tognoli

Estudo de partículas de sílica para incorporação de anticorpos monoclonais murinos; 2006; Orientação de outra natureza; (Estágio) - Hemocentro de Botucatu-UNESP; Orientador: Elenice Deffune;

Simone Bonato de Campos Mello

Imunohematologia e segurança transfusional; 2003; 18 f; Orientação de outra natureza - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho; Orientador: Elenice Deffune;

Danielle Morais

Atuação Administrativa nos Hemocentros; 2002; 18 f; Orientação de outra natureza - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho; Orientador: Elenice Deffune;

Cândice M

Dusset; Caracterização de anticorpos monoclonais anti- DEA1; 2002; Orientação de outra natureza; (Oversea' s Training) - Michigan State University, Michigan State University; Orientador: Elenice Deffune;

Sadhana Jackson

Immunohematology; 2002; Orientação de outra natureza; (Oversea's training) - Michigan State University, Michigan State University; Orientador: Elenice Deffune;

Catherine Tchanque

Determinação de Classe e sub-classe de imunoglobulinas em hemácias de RN; 2002; Orientação de outra natureza; (Oversea's training) - Michigan State University, Michigan State University; Orientador: Elenice Deffune;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • Deffune, Elenice ; Prudenciatti, Aruã ; Moroz, Andrei . Mesenchymal stem cell (MSc) secretome: a possible therapeutic strategy for intensive-care COVID-19 patients. MEDICAL HYPOTHESES , v. 20, p. 109769-109769, 2020.

  • DA SILVA FELTRAN, GEÓRGIA ; DA COSTA FERNANDES, CÉLIO JUNIOR ; RODRIGUES FERREIRA, MARCEL ; KANG, HA RAM ; DE CARVALHO BOVOLATO, ANA LÍVIA ; GOLIM, M. A. ; DEFFUNE, E. ; KOH, IVAN HONG JUN ; CONSTANTINO, VERA REGINA LEOPOLDO ; ZAMBUZZI, WILLIAN F. . Sonic hedgehog drives layered double hydroxides-induced acute inflammatory landscape. COLLOIDS AND SURFACES B-BIOINTERFACES , v. 174, p. 467-475, 2019.

  • MORAES, MARLI L ; LIMA, LAIS R ; VICENTINI-OLIVEIRA, JOSY C ; DE SOUZA, APARECIDA VITÓRIA G ; OLIVEIRA, OSVALDO N ; Deffune, Elenice ; RIBEIRO, SIDNEY J. L . Immunosensor for the Diagnostics of Autoimmune Hemolytic Anemia (AIHA) Based on Immobilization of a Monoclonal Antibody on a Layer of Silk Fibroin. JOURNAL OF NANOSCIENCE AND NANOTECHNOLOGY , v. 19, p. 3772-3776, 2019.

  • SANTOS, VITOR HUGO DOS ; PFEIFER, JOÃO PEDRO HÜBBE ; SOUZA, JAQUELINE BRANDÃO DE ; STIEVANI, FERNANDA DE CASTRO ; Hussni, Carlos Alberto ; GOLIM, Marjorie de Assis ; Deffune, Elenice ; Alves, Ana Liz Garcia . Evaluation of alginate hydrogel encapsulated mesenchymal stem cell migration in horses. RESEARCH IN VETERINARY SCIENCE , v. 124, p. 38-45, 2019.

  • PFEIFER, JOÃO P.H. ; SANTOS, VITOR H. ; ROSA, GUSTAVO ; SOUZA, JAQUELINE B. ; WATANABE, MARCOS JUN ; FONSECA-ALVES, CARLOS E. ; Deffune, Elenice ; ALVES, ANA L.G. . Isolation, cultivation and immunofluorescence characterization of lamellar keratinocytes from equine hoof by using explants. PESQUISA VETERINÁRIA BRASILEIRA (ONLINE) , v. 39, p. 292-298, 2019.

  • SANTIS, LAÍS PRISCILA DE ; GARCIA, PATRÍCIA CARVALHO ; SECCO, Valéria Nogueira Dias Paes ; FERREIRA, Rosana Rossi ; Deffune, Elenice . Applicability of papain solutions in immunohematology. EINSTEIN (SÃO PAULO) , v. 17, p. 1-6, 2019.

  • QUATRINI CORRÊA, THAILA ; BLANCO, KATE CRISTINA ; MACHADO SOARES, JENNIFER ; INADA, NATALIA MAYUMI ; KURACHI, CRISTINA ; de Assis Golim, Marjorie ; Deffune, Elenice ; BAGNATO, VANDERLEI SALVADOR . Photodynamic inactivation for in vitro decontamination of Staphylococcus aureus in whole blood. Photodiagnosis and Photodynamic Therapy , v. A, p. 120-124, 2019.

  • FRANZOLIN, SOLANGE DE OLIVEIRA BRAGA ; PARDINI, MARIA INÊS MOURA CAMPOS ; FRANCISCHONE, LEDA A. ; Deffune, Elenice ; CONSOLARO, ALBERTO . Explanation for the signs and symptoms of tooth eruption: mast cells. DENTAL PRESS JOURNAL OF ORTHODONTICS , v. 24, p. 20-31, 2019.

  • RISSO, MARIANE APARECIDA ; Deffune, Elenice ; LUZO, ANGELA C.M. . Comparison of Two Methods to Process Umbilical Cord Blood into Packet Red Cells for Transfusion Medicine Purposes. Stem Cells Translational Medicine , v. 8, p. S29-S29, 2019.

  • MENDES, FLAVIO HENRIQUE ; VITERBO, FAUSTO ; DEFFUNNE, ELENICE ; DOMINGUES, MARIA APARECIDA CUSTÓDIO ; Golim, Marjorie Assis ; GABAS, JOSÉ MARCOS ; ROSSONI, RENAN ; NUNES, HELGA CAPUTO . Fragmented Fat: A new method for harvesting and processing of lipograft. Journal of Plastic Reconstructive and Aesthetic Surgery , v. 72, p. 1030-1048, 2019.

  • FELIX, RENATO G. ; BOVOLATO, A. L. C. ; COTRIM, O. S. ; LEAO, P. S. ; BATAH, S. S. ; GOLIM, M. A. ; VELOSA, A. P. ; TEODORO, W. ; MARTINS, V. ; CRUZ, F. F. ; DEFFUNE, E. ; Fabro, A.T. ; CAPELOZZI, V. L. . Adipose-derived stem cells and adipose-derived stem cell? conditioned medium modulate in situ imbalance between collagen I? and collagen V?mediated IL-17 immune response recovering bleomycin pulmonary fibrosis. HISTOLOGY AND HISTOPATHOLOGY , v. x, p. 18152-18152, 2019.

  • RODRIGUES, VALQUIRIA C. ; MORAES, MARLI L. ; SOARES, JULIANA C. ; SOARES, ANDREY C. ; SANFELICE, RAFAELA ; Deffune, Elenice ; OLIVEIRA, OSVALDO N. . Immunosensors made with layer-by-layer films on chitosan/gold nanoparticle matrices to detect D-dimer as biomarker for venous thromboembolism. BULLETIN OF THE CHEMICAL SOCIETY OF JAPAN , v. 629, p. 2844-2848, 2018.

  • Santos, VH ; PFEIFER, J. P. H. ; Souza, JB ; MILANI, B. H. G. ; Oliveira RA ; GOLIM, M.A. ; DEFFUNE, E. ; Moroz, A. ; Alves, A.G.L. . Culture of mesenchymal stem cells derived from equine synovial membrane in alginate hydrogel microcapsules. BMC Veterinary Research , v. 14, p. 114, 2018.

  • CALDEIRA-DIAS, MAYARA ; LUIZON, MARCELO R. ; Deffune, Elenice ; TANUS-SANTOS, JOSE E. ; FREIRE, PAULA P. ; CARVALHO, ROBSON F. ; BETTIOL, HELOISA ; CARDOSO, VIVIANE C. ; ANTONIO BARBIERI, MARCO ; CAVALLI, RICARDO C. ; SANDRIM, VALÉRIA C. . Preeclamptic plasma stimulates the expression of miRNAs, leading to a decrease in endothelin-1 production in endothelial cells. Pregnancy Hypertension-An International Journal of Womens Cardiovascular Health , v. 12, p. 75-81, 2018.

  • DE ALMEIDA, RODRIGO ; NAKAMURA, CECÍLIA NAOMI ; DE LIMA FONTES, MARINA ; DA SILVA, JULIA PAIOLA ; BERTANHA, MATHEUS ; Deffune, Elenice ; FUSCO-ALMEIDA, ANA MARISA ; Moroz, Andrei . Multiple Tolerization Reduces Antibody Binding Against Tolerogen Cells: Implications for the Production of Monoclonal Antibodies. MONOCLONAL ANTIBODIES IN IMMUNODIAGNOSIS AND IMMUNOTHERAPY , v. 37, p. 100-104, 2018.

  • NUNES, HELGA CAPUTO ; SCARANO, WELLERSON RODRIGO ; Deffune, Elenice ; FELISBINO, SÉRGIO LUIS ; PORRECA, IMMACOLATA ; DELELLA, FLÁVIA KARINA . Bisphenol a and mesenchymal stem cells: Recent insights. LIFE SCIENCES , v. 206, p. 22-29, 2018.

  • RISSO, MARIANE APARECIDA ; MALHEIROS LUZO, ÂNGELA CRISTINA ; RODRIGUES MENDES-TAKAO, MARÍLIA ; GIANNECCHINI ROMAGNOLO, ALEXANDRE ; DE CARVALHO BOVOLATO, ANA LÍVIA ; LEITE DA SILVA, PÂMELA ; Deffune, Elenice . Umbilical Cord Blood Collection, Storage, and Use: A Brazilian Experience. Stem Cells Translational Medicine , v. 7, p. S21-S21, 2018.

  • DE ALMEIDA, RODRIGO ; NAKAMURA, CECÍLIA NAOMI ; DE LIMA FONTES, MARINA ; DEFFUNE, E. ; FELISBINO, S. L. ; KANENO, RAMON ; FÁVARO, WAGNER JOSÉ ; BILLIS, ATHANASE ; CERRI, MARCEL OTAVIO ; FUSCO-ALMEIDA, ANA MARISA ; MENDES GIANNINI, MARIA JOSÉ ; MOROZ, Andrei . Enhanced immunization techniques to obtain highly specific monoclonal antibodies. mAbs , v. 10, p. 46-54, 2018.

  • RODRÍGUEZ SÁNCHEZ, DIEGO NOÉ ; DE LIMA RESENDE, LUIZ ANTONIO ; BOFF ARAUJO PINTO, GIOVANA ; DE CARVALHO BOVOLATO, ANA LÍVIA ; POSSEBON, FÁBIO SOSSAI ; Deffune, Elenice ; AMORIM, ROGÉRIO MARTINS . Canine Adipose-Derived Mesenchymal Stromal Cells Enhance Neuroregeneration in a Rat Model of Sciatic Nerve Crush Injury. CELL TRANSPLANTATION , v. 1, p. 096368971880904, 2018.

  • SILVA, BRUNA GABRIELA ; TAMASHIRO, WIRLA MARIA DA SILVA CUNHA ; FERREIRA, ROSSANA ROSSI ; Deffune, Elenice ; SUAZO, CLÁUDIO ALBERTO TORRES . ASSESSMENT OF KINETIC AND METABOLIC FEATURES OF TWO HYBRIDOMAS IN SUSPENSION CULTURE FOR PRODUCTION OF TWO MONOCLONAL ANTIBODIES FOR BLOOD TYPING. BRAZILIAN JOURNAL OF CHEMICAL ENGINEERING (ONLINE) , v. 35, p. 497-508, 2018.

  • LEMOS NETO, SYLVIO VALENÇA DE ; VIANNA, ISABELA GALVÃO ; CASTIGLIA, YARA MARCONDES MACHADO ; GOLIM, Marjorie de Assis ; SOUZA, APARECIDA VITÓRIA GONÇALVES DE ; CARVALHO, LÍDIA RAQUEL DE ; Deffune, Elenice ; NASCIMENTO JUNIOR, PAULO DO ; MÓDOLO, NORMA SUELI PINHEIRO ; VIANNA, PEDRO THADEU GALVÃO . Cyclosporine A attenuates apoptosis and necrosis after ischemia-reperfusion-induced renal injury in transiently hyperglycemic rats. ACTA CIRÚRGICA BRASILEIRA (ONLINE) , v. 32, p. 203-210, 2017.

  • SANCHEZ, DIEGO NOE RODRIGUEZ ; BERTANHA, MATHEUS ; FERNANDES, THIAGO DIAS ; DE LIMA RESENDE, LUIZ ANTÔNIO ; Deffune, Elenice ; AMORIM, ROGÉRIO MARTINS . Effects of Canine and Murine Mesenchymal Stromal Cell Transplantation on Peripheral Nerve Regeneration. International Journal of Stem Cells , v. V04, p. 1, 2017.

  • BERTANHA, M. ; Sobreira, ML ; Bovolato, ALC ; Rinaldi, Jaqueline ; Reis, PP ; Moraes, LN ; DEFFUNE, E. . Ultrastructural analysis and residual DNA evaluation of rabbit vein scaffold. Acta Cirurgica Brasileira , v. 32, p. 706-711, 2017.

  • BROCK, RYANE SCHMIDT ; VITERBO, FAUSTO ; Deffune, Elenice ; DOMINGUES, MARIA APARECIDA CUSTODIO ; MAMPRIM, MARIA JAQUELINE ; PASCHOALINOTTE, ELOISA ELENA . Osseous Flap of Galea and Periosteum Filled With Mesenchymal Stem Cells, Platelet-Rich Plasma, Bone Dust, and Hyaluronic Acid. JOURNAL OF CRANIOFACIAL SURGERY , v. X, p. 1, 2017.

  • OLIVEIRA, MARIELE GOBO DE ; ABBADE, LUCIANA PATRICIA FERNANDES ; MIOT, HÉLIO AMANTE ; FERREIRA, Rosana Rossi ; Deffune, Elenice . Pilot study of homologous platelet gel in venous ulcers. ANAIS BRASILEIROS DE DERMATOLOGIA , v. 92, p. 499-504, 2017.

  • NUNES, HELGA CAPUTO ; FERREIRA, Rosana Rossi ; PICOLO PASIAN, ANA CAROLINA ; MOROZ, Andrei ; MARTINUCCI, BRUNO ; ACORCI VALERI, MICHELE JANEGITZ ; AL CANTARA DOS SANTOS, SERGIO ALEXANDRE ; DE SOUZA VIEIRA, HENRIQUE ; LUIS FELISBINO, SERGIO ; Deffune, Elenice ; KARINA DELELLA, FLAVIA . Comparative Study of Blood-Derived Scaffolds for the Culture of Human Adipose Derived Stem Cells (ASCS) and Dermal Fibroblasts. GENETICS AND MOLECULAR RESEARCH , v. 16, p. 00, 2017.

  • FELIX, RENATO G. ; T. FABRO, ALEXANDRE ; V.-OLIVEIRA, JOSY C. ; H. BIANCHI, EDNELSON ; ASSIS GOLIM, MARJORIE DE ; SILVIA COTRIM, ONDINA ; RIBEIRO-PAES, JOÃO TADEU ; Deffune, Elenice . Rat Mesenchymal Stem Cells from Adipose Tissue Reduce Bleomycin-Induced Lung Remodeling in Late Stage. Stem Cell Discovery , v. 06, p. 24-38, 2016.

  • SANDRIM, VALERIA CRISTINA ; DIAS, MAYARA CALDEIRA ; BOVOLATO, ANA LÍVIA DE CARVALHO ; TANUS-SANTOS, JOSE E ; Deffune, Elenice ; CAVALLI, RICARDO C. . Plasma from pre-eclamptic patients induces the expression of the anti-angiogenic miR-195-5p in endothelial cells. Journal of Cellular and Molecular Medicine (Print) , v. 1, p. n/a-n/a, 2016.

  • ARAÚJO, Illymach Canedo Ferreira de ; BERTANHA, M. ; FERREIRA, R. R. ; DEFFUNE, E. ; Yoshida, WB . FIBRIN GEL VERSUS PAPAIN GEL IN THE HEALING OF CHRONIC VENOUS ULCERS: A DOUBLE-BLINDED RANDOMIZED CONTROLLED TRI. Phlebology (London) , v. X, p. 1-8, 2016.

  • LUIZON, MARCELO R ; CALDEIRA-DIAS, MAYARA ; Deffune, Elenice ; FERNANDES, KARLA S ; CAVALLI, RICARDO C ; TANUS-SANTOS, JOSÉ E ; SANDRIM, VALÉRIA C . Antihypertensive therapy in pre-eclampsia: effects of plasma from nonresponsive patients on endothelial gene expression. Pharmacogenomics (London) , v. X, p. XXX, 2016.

  • BAKONYI, ALEXANDRE ; PEREIRA, MONIQUE C. ; Deffune, Elenice . Sa1366 Regenerative Medicine and Cell Engineering: New Frontiers for Therapeutic Approach in Short Bowel Syndrome. Gastroenterology (New York, N.Y. 1943) , v. 150, p. S296, 2016.

  • Fuoco, NEL ; Marcelino MY ; Ruiz, MA ; DEFFUNE, E. ; Inácio, JC ; RIBEIRO-PAES, JOÃO TADEU . PROPOSIÇÃO DE UMA NOVA METODOLOGIA PARA ISOLAMENTO E CULTIVO DE CÉLULAS-TRONCO MESENQUIMAIS DERIVADAS DO TECIDO ADIPOSO. Revista Interdisciplinar de Estudos Experimentais / Interdisciplinary Journal of Experimental Studies , v. unico, p. p.13, 2016.

  • HERMETO, L.C. ; DEROSSI, R. ; OLIVEIRA, R.J. ; PESARINI, J.R. ; ANTONIOLLI-SILVA, A.C.M.B. ; JARDIM, P.H.A. ; SANTANA, Á.E. ; DEFFUNE, E. ; RINALDI, J.C. ; JUSTULIN, L.A. . Effects of intra-articular injection of mesenchymal stem cells associated with platelet-rich plasma in a rabbit model of osteoarthritis. Genetics and Molecular Research , v. 15, p. 1-14, 2016.

  • GONCALVES FELIX, RENATO ; CARVALHO BOVOLATO, ANA LIVIA ; SANTOS LEÃO, PATRICIA ; DOS SANTOS, AMANDA LUISA ; PEREIRA VELOSA, ANA PAULA ; TEODORO, WALCY ROSOLIA ; Deffune, Elenice ; TODOROVIC FABRO, ALEXANDRE ; CAPELOZZI, VERA LUIZA . Mesenchymal stem cells and conditioned medium in myofibroblast modulation and collagen production in vascular adventitia and parenchyma of experimental pulmonary fibrosis model. The European Respiratory Journal , v. 48, p. PA3095, 2016.

  • HERMETO, L.C. ; OLIVEIRA, R.J. ; MATUO, R. ; JARDIM, P.H.A. ; DEROSSI, R. ; ANTONIOLLI, A.C.M.B. ; DEFFUNE, E. ; Evaristo, T.C. ; SANTANA, Á.E. . Evaluation of pH effects on genomic integrity in adipose-derived mesenchymal stem cells using the comet assay. Genetics and Molecular Research , v. 14, p. 339-348, 2015.

  • Silva, THG ; PAZZETTI, R. ; Aoki, FG ; Cadoso, PFG ; Valenga, MH ; Deffune, Elenice ; Evaristo, T.C. ; PEGO-FERNANDES, P. H. ; Moriya, H . Respiratory mechanics of tissue engineered tracheal segments. Clinics , v. xx, p. 1, 2014.

  • Abruceze, L.H.B. ; Cotrim, OS ; PASIAN, A. C. P. ; Deffune, Elenice ; Rossi-Ferreira Rosana . Avaliação da Eficácia dos biocurativos em ratos Wistar com lesões de pele causadas por queimaduras.. Enfermagem Atual (Rio de Janeiro) , v. 68, p. 12-17, 2014.

  • BERTANHA, MATHEUS ; Jaldin, R. G. ; Moraes, RA ; Rinaldi, Jaqueline ; GOLIM, M. A. ; FELISBINO, S. ; AC, D. ; Sobreira, ML ; Reis, P ; Deffune, Elenice . Morphofunctional characterization of decellularized vena cava as tissue engineering scaffolds. Experimental Cell Research , v. pii: S, p. 231-236, 2014.

  • SILVA, TH ; PAZETTI, R ; Aoki, FG ; CARDOSO, PF ; Valenga, MH ; DEFFUNE, E ; EVARISTO, T ; PEGO-FERNANDES, PM ; Moriya, HT . Assessment of the mechanics of a tissue-engineered rat trachea in an image-processing environment. Clinics (USP. Impresso) , v. 69, p. 500-503, 2014.

  • CARVALHO, A. M. ; ALVAREZ, L. E. C. ; Oliveira, P.G ; VENDRUSCOLO, C. P. ; MOROZ, Andrei ; DEFFUNE, E. ; HUSSNI, C. A. ; Alves, ALG . Use of Power Doppler for the Assessment of Vascularization in Equine Tendinitis Treated with Mesenchymal Stem Cells. Journal of Animal and Veterinary Advances , v. 13, p. 15-20, 2014.

  • BERTANHA, MATHEUS ; MOROZ, Andrei ; Almeida, Rodrigo ; ALVES, FLAVIA CILENE ; ACORCI VALÉRIO, MICHELE JANEGITZ ; MOURA, REGINA ; DOMINGUES, MARIA APARECIDA CUSTÓDIO ; SOBREIRA, MARCONE LIMA ; DEFFUNE, E. . Tissue-engineered blood vessel substitute by reconstruction of endothelium using mesenchymal stem cells induced by platelet growth factors. Journal of Vascular Surgery (Print) , v. 59, p. 1677-1685, 2014.

  • EVARISTO, THAIANE CRISTINE ; CRUZALVES, FLÁVIA CILENE MACIEL DA ; MOROZ, ANDREI ; MION, WONER ; ACORCI-VALÉRIO, MICHELE JANEGITZ ; FELISBINO, SÉRGIO LUIS ; ROSSI-FERREIRA, Rosana ; RUIZ JÚNIOR, RAUL LOPES ; DEFFUNE, E. . Light-emitting diode effects on combined decellularization of tracheae. A novel approach to obtain biological scaffolds. Acta Cirúrgica Brasileira (Online) , v. 29, p. 485-492, 2014.

  • DANIELI, MV ; ROSA PEREIRA, H ; SA CARNEIRO, CA ; FELISBINO, SL ; DEFFUNE, E . Treatment of osteochondral injuries with platelet gel. Clinics (USP. Impresso) , v. 69, p. 694-698, 2014.

  • MOROZ, Andrei ; FELISBINO, SÉRGIO L. ; DEFFUNE, E. . Platelet and plasma bioactive scaffolds for stem cell differentiation: What are we missing?. Platelets (Abingdon. Online) , v. 25, p. 556-557, 2014.

  • GUERREIRO, JOÃO PAULO FERNANDES ; DANIELI, MARCUS VINICIUS ; QUEIROZ, ALEXANDRE OLIVEIRA ; Deffune, Elenice ; FERREIRA, Rosana Rossi . Plasma rico em Plaquetas (PRP) aplicado na artroplastia total do joelho. Revista Brasileira de Ortopedia (Impresso) , v. 49, p. 123-135, 2014.

  • de Souza, A.V.G. ; Golim, M.A. ; DEFFUNE, E. ; DOMINGUES, M.A.C. ; DE CARVALHO, L.R. ; VIANNA, I.G. ; Castiglia, Y.M.M. ; Vianna, P.T.G. . Evaluation of Renal Protection From High Doses of Melatonin in an Experimental Model of Renal Ischemia and Reperfusion in Hyperglycemic Rats. Transplantation Proceedings , v. 46, p. 1591-1593, 2014.

  • ABRUCEZE, L. H. B. ; COTRIM, O. S. ; PASSIAN, A. C. P. ; DEFFUNE, E. ; FERREIRA, R. R. . AVALIAÇÃO DA EFICÁCIA DOS BIOCURATIVOS EM RATOS WISTAR COM LESÕES DE PELE CAUSADAS POR QUEIMADURAS. ENFERMAGEM ATUAL (RIO DE JANEIRO) , v. 68, p. 12-17, 2014.

  • Moroz, Andrei ; MOROZ, Andrei ; DELELLA, FLÁVIA K. ; DEFFUNE, E. ; LACORTE, Lívia Maria ; FELISBINO, SÉRGIO L. . Fibronectin induces MMP2 expression in human prostate cancer cells. Biochemical and Biophysical Research Communications (Print) , v. 1, p. 1-1, 2013.

  • CARRARETTO, ANTÔNIO ROBERTO ; VIANNA FILHO, PEDRO THADEU GALVÃO ; CASTIGLIA, YARA MARCONDES MACHADO ; GOLIM, Marjorie de Assis ; SOUZA, APARECIDA VITÓRIA GONÇALVES DE ; CARVALHO, LÍDIA RAQUEL DE ; Deffune, Elenice ; VIANNA, PEDRO THADEU GALVÃO . Does propofol and isoflurane protect the kidney against ischemia/reperfusion injury during transient hyperglycemia?. Acta Cirúrgica Brasileira (Online) , v. 28, p. 161-166, 2013.

  • Araújo, ICF ; Yoshida, WB ; Deffune, Elenice . The pernicious cycle of VLUs in Brazil: epidemiology, pathogeny and auxiliary healing methods. Journal of Wound Care , v. 22, p. 186-193, 2013.

  • DUARTE, ADRIANA P. ; MAULINE, LÉÏLA ; GRESSIER, MARIE ; DEXPERT-GHYS, JEANNETTE ; ROQUES, CHRISTINE ; CAIUT, MAURICIO JOSÉ A. ; Deffune, Elenice ; MAIA, DANIELLE C.G. ; CARLOS, IRACILDA ZEPPONE ; FERREIRA, ANTONIO APARECIDO PUPIM ; RIBEIRO, SIDNEY J.L. ; MENU, MARIE-JOËLLE . ORGANOSILYLATED COMPLEX [EU(TTA)3(BPY-SI)] A BIFUNCTIONAL MOIETY FOR THE ENGENEERING OF LUMINESCENT SILICA BASED NANOPARTICLES FOR BIO-IMAGING. Langmuir , v. 1, p. 130415121633009-xx, 2013.

  • MOROZ, Andrei ; Moroz, Andrei ; BITTENCOURT, Renata Aparecida Camargo ; Almeida, Renan Padron ; FELISBINO, Sérgio Luis ; DEFFUNE, E. . Platelet lysate 3D scaffold supports mesenchymal stem cell chondrogenesis: An improved approach in cartilage tissue engineering. Platelets (Abingdon. Online) , v. 24, p. 219-225, 2013.

  • MOROZ, A ; DEFFUNE, E. . Platelet-rich plasma and chronic wounds: remaining fibronectin may influence matrix remodeling and regeneration success. Cytotherapy (Oxford) , v. 15, p. 1436-1439, 2013.

  • CARVALHO, ARMANDO DE ; BADIAL, PERES RAMOS ; ÁLVAREZ, LUIS EMILIANO ; YAMADA, ANA LUCIA ; BORGES, ALEXANDRE SECORUN ; Deffune, Elenice ; Hussni, Carlos Alberto ; GARCIA ALVES, ANA LIZ . Equine tendonitis therapy using mesenchymal stem cells and platelet concentrates: a randomized controlled trial. STEM CELL RES THER , v. 4, p. 85, 2013.

  • Cotrim, OS ; Silva, LL ; Deffune, Elenice . IMPACTO DA DIVULGAÇÃO DA PESQUISA SOBRE BIOCURATIVOS E AVALIAÇÃO PSICOSOCIAL DOS PACIENTES. Revista Saúde e Desenvolvimento , v. 3, p. 6, 2013.

  • Carvalho, A.M. ; Yamada, ALM ; Golim, M.A. ; ÁLVAREZ, LUIS EMILIANO ; Jorge, L.L. ; Conceição, ML ; Deffune, Elenice ; Hussni, Carlos Alberto ; Alves, A.L.G. . Characterization of mesenchymal stem cells derived from equine adipose tissue. Arquivo Brasileiro de Medicina Veterinária e Zootecnia , v. 65, p. 939-945, 2013.

  • YAMADA, ANA LUCIA MILUZZI ; CARVALHO, ARMANDO DE MATTOS ; Moroz, Andrei ; Deffune, Elenice ; WATANABE, MARCOS JUN ; Hussni, Carlos Alberto ; RODRIGUES, CELSO ANTÔNIO ; Alves, Ana Liz Garcia . Mesenchymal stem cell enhances chondral defects healing in horses. Stem Cell Discovery , v. 03, p. 218-225, 2013.

  • Moroz, Andrei ; DELELLA, FLÁVIA K. ; ALMEIDA, RODRIGO ; LACORTE, Lívia Maria ; FÁVARO, WÁGNER JOSÉ ; Deffune, Elenice ; FELISBINO, SÉRGIO L. . Finasteride Inhibits Human Prostate Cancer Cell Invasion through MMP2 and MMP9 Downregulation. Plos One , v. 8, p. e84757, 2013.

  • Colenci, Renato ; Reichert da Silva Assunção, Luciana ; Bonfim, SRM ; Golim, M.A. ; Deffune, Elenice ; Oliveira, SHP . Bone marrow mesenchymal stem cells stimulated by bFGFup-regulated protein expression in comparison with periodontal fibroblasts in vitro. Archives of Oral Biology , v. 59, p. 268-276, 2013.

  • COTRIM, O. S. ; Silva, LL ; DEFFUNE, E. . IMPACTO DA DIVULGAÇÃO DA PESQUISA SOBRE BIOCURATIVOS E AVALIAÇÃO PSICOSOCIAL DOS PACIENTES. REVISTA SAÚDE E DESENVOLVIMENTO , v. 3, p. 6-23, 2013.

  • Carvalho, A.M. ; Yamada, ALM ; MARTINS, J. B. R. ; Maia, L ; Golim, M.A. ; Deffune, Elenice ; Hussni, Carlos Alberto ; Alves, ALG . Isolation and characterization of equine peripheral blood-derived multipotent mesenchymal stromal cells. Pesquisa Veterinária Brasileira (Impresso) , v. 33, p. 1151-1154, 2013.

  • Cotrim, OS ; Slob, E ; Deffune, Elenice . IMPORTÂNCIA DA SEGREGAÇÃO DE MATERIAIS NO GERENCIAMENTO DE LIXO HOSPITALAR NA ÁREA DE HEMOTERAPIA. Caderno Saúde e Desenvolvimento , v. 1, p. 59-73, 2012.

  • DEFFUNE, E. ; SOUZA, Aparecida Vitoria Gonçalves de ; CORREA, R.R.M. ; Castiglia, Y.M.M. ; CARVALHO, L.R. ; SCATENA, L.M. ; de Souza, A.V.G. ; DE OLIVEIRA, C.C. ; Vianna, P.T.G. . Caffeic Acid Phenethyl Ester Effects in the Kidney During Ischemia and Reperfusion in Rats Anesthetized with Isoflurane. Transplantation Proceedings , v. 44, p. 1211-1213, 2012.

  • COTRIM, O. S. ; SLOB, E. ; DEFFUNE, E. . IMPORTÂNCIA DA SEGREGAÇÃO DE MATERIAIS NO GERENCIAMENTO DE LIXO HOSPITALAR NA ÁREA DE HEMOTERAPIA. REVISTA SAÚDE E DESENVOLVIMENTO , v. 01, p. 59-73, 2012.

  • de Mattos Carvalho, Armando ; Alves, Ana Liz Garcia ; de Oliveira, Patrícia Galvão Gomes ; Cisneros Álvarez, Luis Emiliano ; Amorim, Renée Laufer ; Hussni, Carlos Alberto ; Deffune, Elenice . Use of Adipose Tissue-Derived Mesenchymal Stem Cells for Experimental Tendinitis Therapy in Equines. Journal of Equine Veterinary Science (Print) , v. 31, p. 26-34, 2011.

  • Reichert da Silva Assunção, Luciana ; Colenci, Renato ; Ferreira do-Amaral, Caril Constante ; Sonoda, Celso Koogi ; Mogami Bomfim, Suely Regina ; Okamoto, Roberta ; de Assis Golim, Marjorie ; Deffune, Elenice ; Percinoto, Célio ; Penha de Oliveira, Sandra Helena . Periodontal Tissue Engineering After Tooth Replantation. Journal of Periodontology (1970) , v. 82, p. 758-766, 2011.

  • Caetano, A.M.M. ; Vianna Filho, P.T.G. ; Castiglia, Y.M.M. ; Golim, M.A. ; de Souza, A.V.G. ; Raquel de Carvalho, L. ; DEFFUNE, E. ; de Oliveira, C. ; Vianna, P.T.G. . Erythropoietin Attenuates Apoptosis After Ischemia-Reperfusion Induced Renal Injury in Transiently Hyperglycemic Wister Rats. Transplantation Proceedings , v. 43, p. 3618-3621, 2011.

  • Oliveira, EM ; SANTOS, I. A. T. ; FERREIRA, Rosana Rossi ; DEFFUNE, E. . Padronização de dosagem de produto de degradação do fibrinogênio/fibrina humano. Revista Brasileira de Analises Clinicas , v. 42, p. 39-42, 2010.

  • Langoni, H ; El Hage, SS ; Perucca, LCB ; Lucheis, SB ; DEFFUNE, E. . AGLUTININAS ANTI-LEPTOSPIRAS EM DOADORES DE SANGUE. Veterinária e Zootecnia (UNESP) , v. 17, p. 79-84, 2010.

  • Mendes-Takao, Marilia R. ; Diaz-Bermúdez, Ximena P. ; Deffune, Elenice ; De Santis, Gil C. . Bancos de sangue de cordão umbilical e placentário para uso familiar, de caráter privado, no Brasil: subsídios técnicos, legais e éticos para uma análise de implementação. Revista Brasileira de Hematologia e Hemoterapia (Impresso) , v. 32, p. 317-328, 2010.

  • VICENTINI, J.C. ; GOLIM, M.A. ; PAULAN Silvana de Cássia ; BIONDI, Germano Francisco ; ROSSI-FERREIRA, R. ; DEFFUNE, E. ; NUNES, Cáris Maroni . Taenia saginata: Production and characterizacion of monoclonal antibodies against Taenia saginata metacestode antigens. Experimental Parasitology (Online) , v. 03, p. 01-04, 2010.

  • MOROZ, Andrei ; BITTENCOURT, Renata Aparecida de Camargo ; FELISBINO, Sérgio Luis ; PEREIRA, Hamilton R ; ROSSI-FERREIRA, Rosana ; DEFFUNE, E. . Gel de plaquetas: arcabouço 3D para cultura celular. Acta Ortopédica Brasileira (Impresso) , v. 17, p. 43-46, 2009.

  • DEFFUNE, E. ; Vianna, PTG ; Castiglia, JRC ; Braz, JRC ; Viero, SB ; Beier, S ; Vianna Filho, PTG ; Souza, AVG ; GUILHERME, Gabrielle Reynolds ; GOLIM, Márjorie de Assis . Remifentanil, Isoflurane, and Preconditioning Attenuate Renal Ischemia/Reperfusion Injury in Rats. Transplantation Proceedings , v. 41, p. 4080-4082, 2009.

  • CARVALHO, Armando de Matos ; ALVES, A. L. G. ; Alves, Ana Liz Garcia ; Golim, M.A. ; MOROZ, A. ; HUSSNI, Carlos Alberto ; OLIVEIRA, Patrícia Galvão Gomes de ; DEFFUNE, E. . The isolation and immunophenotypic characterization of mesenchymal stem cells derived from equine species adipose tissue. Veterinary Immunology and Immunopathology (Print) , v. 132, p. 303-306, 2009.

  • DEFFUNE, E. ; MURADOR, P. ; JESUINO, D. B. ; MIAHARA, L. H. S. ; DOMENY, P. ; ZANINI, J. M. ; MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu ; ROSSI-FERREIRA, Rosana . Notificação de Reações Transfusionais: impacto da implantação do programa de Hemovigilância. Boletim Informativo do Projeto Piloto Hospitais Sentinela do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu , v. 39, p. 2-3, 2009.

  • BITTENCOURT, Renata Aparecida de Camargo ; PEREIRA, Hamilton Rosa ; FELISBINO, SÉRGIO LUÍS ; FERREIRA, Rosana Rossi ; GUILHERME, Gabrielle Reinoldes Bizarria ; Moroz, Andrei ; Deffune, Elenice . Cultura de condrócitos em arcabouço tridimensional: hidrogel de alginato. Acta Ortopédica Brasileira (Impresso) , v. 17, p. 242-246, 2009.

  • FRANZOLIN, S. ; FRANCISCHONE, Carlos ; BITTENCOURT, Renata Aparecida Camargo ; FELISBINO, Sérgio ; DEFFUNE, E. . Diferenciação de Célula Tronco Hematopoética huma em osteoblasto sobre diferentes superfícies de implantes de titânio. Revista Dental Press de Periodontia e Implantologia , v. 2, p. 68-79, 2008.

  • DEFFUNE, E. ; MURADOR, Priscila ; JESUÍNO, Daniel Bassetto ; Mihara, LHS ; Duarte, PD ; Zanini, J.M. ; MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu ; FERREIRA, Rosana Rossi . Notificação de Reações Transfusionais: impacto da implantação do programa de Hemovigilância. Boletim Informativo do Projeto Piloto Hospitais Sentinela do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu , v. VIII, p. 2-3, 2008.

  • GUILHERME, Gabrielle Reinoldes Bizarria ; SOUZA, Aparecida Vitoria Gonçalves de ; de Souza, A.V.G. ; MOROZ, A. ; MURADOR, P. ; BITTENCOURT, R. A. C. ; DEFFUNE, E. ; FERREIRA, R. R. ; DEFFUNE, Elenice . AVALIAÇÃO DE MORTE PROGRAMADA DE CÉLULAS. Biotecnologia Ciência & Desenvolvimento (Online) , v. 37, p. 70-75, 2008.

  • MURADOR, Priscila ; DEFFUNE, E. . Aspectos estruturais da membrana eritrocitária. Revista Brasileira de Hematologia e Hemoterapia , v. 29, p. 161-171, 2007.

  • FERREIRA, Rosana Rossi ; DEFFUNE, E. ; SANTOS, I. A. T. ; MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu . Obtenção e caracterização de anticorpos monoclonal murino anti-fator VIII da coagulação sanguínea.. Revista Brasileira de Hematologia e Hemoterapia , v. 28, p. 97-104, 2007.

  • GOLIM, Marjorie de Assis ; DEFFUNE, E. ; FERREIRA, R Rossi ; OLIVEIRA, Ana Paula e ; PADOVANI, Carlos Roberto ; MACHADO, Paulo Eduardp de Abreu . Conjugação e validação de controle isotípico IgG1-FITC para uso em citometria de fluxo. Revista Brasileira de Hematologia e Hemoterapia , v. 29, p. 361-368, 2007.

  • GOLIM, M. A. ; MURADOR, P. ; ROSSI-FERREIRA, Rosana ; MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu ; DEFFUNE, E. . Determination of class and subclass of the isotypes in murine monoclonal antibodies (Mabs) by flow citometry using BD cytometric bead array (CBA) mouse immunoglobulin isotyping kit. Journal of Venomous Animals and Toxins Including Tropical Diseases (Online) , v. 13, p. 936, 2007.

  • Gabrielle Reinoldes Bizarria Guilherme ; Souza AVG ; Andrei Moroz ; MURADOR, Príscila ; BITTENCOURT, R. A. C. ; GOLIM, Márjorie ; Rossi-Ferreira Rosana ; DEFFUNE, E. . AVALIAÇÃO DE MORTE PROGRAMADA DE CÉLULAS: COMPARAÇÃO DO INDÍCE APOPTÓTICO PROGRESSIVO EM CULTURA DE CONDRÓCITOS. Biotecnologia Ciência & Desenvolvimento (Impresso) , v. 37, p. 70-75, 2007.

  • Oliveira, Eliane Mari ; SANTOS, I. A. T. ; ROSSI-FERREIRA, Rosana ; DEFFUNE, E. . Human Fibrin / Fibrinogen degradation product dosage standardization. The Journal of Venomous Animals and Toxins Including Tropical Diseases (Online) , v. 13, p. 952, 2007.

  • MOROZ, A. ; Bittencourt, R ; FELISBINO, S. ; ROSSI-FERREIRA, Rosana ; DEFFUNE, E. . Platelet Gel: New technology in 3D Cell culture scaffolds. Journal of Venomous Animals and Toxins Including Tropical Diseases (Online) , v. 13, p. 903, 2007.

  • BITTENCOURT, Renata Aparecida de Camargo ; PEREIRA, Hamiltoon Rosa ; FELISBINO, Sérgio Luis ; MURADOR, Pricila ; OLIVEIRA, Ana Paulo Ehrardt de ; DEFFUNE, E. . Isolamento de células-tronco mesenquimais da medula óssea. Acta Ortopédica Brasileira , v. 14, n.1, p. 22-24, 2006.

  • FERREIRA, R. R. ; DEFFUNE, E. ; SANTOS, I. A. T. ; MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu . Obtenção e caracterização de anticorpos monoclonal murino anti-fator VIII da coagulação sanguínea.. Revista Brasileira de Hematologia e Hemoterapia , v. 28, p. 97-104, 2006.

  • FERREIRA, Rosana Rossi ; DEFFUNE, E. ; SANTOS, Izolete Aparecida Thomazini ; MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu . Obtenção e caracterização de anticorpo monoclonal murino anti-fator VIII da coagulação sangüínea. Revista Brasileira de Hematologia e Hemoterapia , v. 28, p. 97-104, 2006.

  • DOTTI, Ercena Inês ; GARCIA, Patricia Carvalho ; DEFFUNE, E. ; SECCO, Valéria Nogueira Dias Paes . Incidência Fenotípica dos Doadores Fidelizados do Hemocentro de Botucatu, SP, Brasil. ABO. Revista de Medicina Transfusional , Portugal, v. 26, p. 33-38, 2006.

  • C, Torallespereira ; CAMPOS, Pardini Maria Inês de Moura ; PEA, Machado ; DEFFUNE, E. . The first report of the human platelet alloantigen 4b allele in a Brazilian. International Journal of Immunogenetics (Print) , v. 32, n.3, p. 165-166, 2005.

  • FERREIRA, R. R. ; DEFFUNE, E. ; SANTOS, I. A. T. ; MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu . Quality Control of Blood Derivates: Quality the life of the Hemophiliac. Haemophilia (Oxford) , v. 1, p. 1-3, 2005.

  • GAMBERO, Shelley ; SECCO, Valeria Nogueira Dias Paes ; ROSSI-FERREIRA, Rosana ; DEFFUNE, E. ; MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu . Frequencia de hemolisinas Anti-A e Anti-B em doadores de sangue do Hemocentro de Botucatu. Revista Brasileira de Hematologia e Hemoterapia , São Paulo, v. 26, n.Jan/Fev, p. 28-34, 2004.

  • ARAÚJO, Maria Annecy ; DEFFUNE, E. ; CARLOS, L M B ; MAGALHÃES, S M M ; GOLIM, M. A. ; CÂMARA, L M C . Avaliação das subclasses IgG1 e IgG3 na doença hemolítica perinatal. Revista Brasileira de Hematologia e Hemoterapia , v. 25, p. 201-206, 2003.

  • PARDINI, Maria Ines de Moura Campos ; HOKAMA, P. O. M. ; DEFFUNE, E. ; MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu . Tipagem HLA de Classe II em pacientes portadores de Diabetes Melitus insulino-dependentes. Revista Brasileira de Analises Clinicas , v. 32, n.7, p. 7-10, 2000.

  • BOMBONATO, V ; PARDINI, Mimc ; GROTTO, Rmt ; COLTURATO, Var ; DEFFUNE, E. ; MACHADO, Pea . Detecção do Citomegalovírus ativo em pacientes submetidos ao transplante de medula óssea alogênico.. Jornal Brasileiro de Patologia e Medicina Laboratorial, São Paulo, v. 36, n.3, p. 271-271, 2000.

  • TORALLES-PEREIRA, C ; PARDINI, Maria Ines de Moura Campos ; DEFFUNE, E. ; MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu ; MACHADO, P. E. A. . A bank of blood donors with genotyped platelets. VoX Sanguinis (Basel. 1956) , v. 78, p. P247, 2000.

  • DEFFUNE, E. ; MAUAD, M. A. ; FAGGIAN, L. ; GONCALVES, S. A. P. ; INOCENTI, A. ; IUAN, F C ; MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu ; MACHADO, P. E. A. . Blood donor selection: Who should do it? How to do it?. VoX Sanguinis (Basel. 1956) , v. 78, p. P343, 2000.

  • FERINO, C. A. ; ROSSI-FERREIRA, Rosana ; SANTOS, I. A. T. ; GUIMARÃES, F. R. ; FLORENCIO, P. F. ; DEFFUNE, E. ; MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu ; Machado, PE . Obtaining and characterization of murine monoclonal antibodies against human fibrinogen. Transfusion (Arlington, Va.) , v. 00, p. 69, 2000.

  • KRAUSE, A. ; DEFFUNE, E. ; OLIVEIRA, A. P. ; ROSSI-FERREIRA, Rosana ; GUIMARÃES, F. R. ; SECCO, V. N. D. P. ; MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu . Relation between heteroantibody present in human serum of anti-erythrocyte specificity of swine and ABO group. VoX Sanguinis (Basel. 1956) , v. 78, p. 152, 2000.

  • DEFFUNE, E. ; SECCO, V. N. D. P. ; SILVA, M. I. ; PARDINI, Maria Ines de Moura Campos ; ALVARADO, R. C. ; VENTRELLA, D. ; FABRIS, F. ; Machado, PE ; MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu . The challenge of identifying irregular antibodies using commercial panels.. Transfusion (Arlington, Va.) , v. 40, p. 159, 2000.

  • BUCHIGNANI, M. R. ; DEFFUNE, E. ; MASTRANJO, G. C. ; PARDINI, Maria Ines de Moura Campos ; PADOVANI, C. R ; MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu . Controle de Qualidade de Concentrados de Plaquetas (CP). Revista Brasileira de Análises Clínicas , Rio de Janeiro, v. 30, n.3, p. 137-140, 1998.

  • FERREIRA, Rosana Rossi ; DEFFUNE, E. ; KRAUSE, A. ; GUIMARAES, F. R. ; SANTOS, I. A. T. ; E, O. A. P. ; MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu . Obtenção de Anticorpo Monoclonal Anti Fator VIII da Coagulação Sanguínea.. Revista Brasileira de Análises Clínicas , Rio de Janeiro, v. 30, n.2, p. 125-128, 1998.

  • DEFFUNE, E. ; PARDINI, Maria Inês de Moura Campos . Clonagem: antes e depois da Dolly. Interface - Comunicação, Saúde, Educação, v. 01, p. 215-217, 1997.

  • DEFFUNE, E. ; MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu ; Vieira C A . Expansores de Volume x Transfusão Sanguínea.. Jornal Brasileiro de Medicina, v. 72, n.1/2, 1997.

  • PARDINI, Maria Ines de Moura Campos ; DEFFUNE, E. ; ALVARADO, R. C. ; AGOSTINHO, M. A. B. ; GUSHIKEN, T. ; MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu . Program of Profissional improvement: An interesting experience in teaching of Haematology/ Haematherapy.. Proceedings Of Internacional Society Of Blood Transfusion Isbt , v. I, p. 1143-1145, 1997.

  • Silva HF ; DEFFUNE, E. ; MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu . Ciclo celular e Regiões Organizadoras do Nucléolo. Laes & Haes, 1996.

  • DEFFUNE, E. ; ALVARADO, R. C. ; MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu . Normas de Biossegurança para as áreas hospitalares e Laboratorial.Parte II. News Lab, p. 94-96, 1996.

  • DEFFUNE, E. ; ALVARADO, R. C. ; MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu . Normas de Biossegurança para as áreas Laboratorial e Hospiotalar . Parte II. News Lab, v. 13, p. 32-34, 1995.

  • DEFFUNE, E. ; GUSHIKEN, T. ; PARDINI, Maria Inês de Moura Campos ; ALVARADO, R. C. ; MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu ; Agostinho MAB . Program of Professional Improvement an interesting Experience in the Teaching of Hematology/ Hemotherapy.. Proceedings Of The Isbt , Milão, v. 1, p. 1143-1145, 1995.

  • DEFFUNE, E. ; MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu ; ALVARADO, R. C. . Normas de Biossegurança para as Áreas Hospitalares de Laboratorial. Parte I.. News Lab, p. 32-34, 1995.

  • DEFFUNE, E. . Obtention d'Anticorps Monoclonaux Murins diriges contre le troisième composant du complement: interêt en Imunnohematologie. Université Pierre Et Marie Curie Paris VI, v. II, p. 1-146, 1992.

  • DEFFUNE, E. ; LE PENNEC, P.Y. ; LASCAUX, J.M. ; ROUGER, PH. . Méthode d'étude des réactifs anti-complément : utilisation d'hématies sensibilisées congelées/décongelées. Revue Française de Transfusion et d'Hémobiologie , v. 35, p. 299-309, 1992.

  • KAMITSUJI, Tt ; GOLIM, Ma ; CORRÊA, Ma ; SILVA, Va ; ZULIANI, A ; FERREIRA, Rr ; DEFFUNE, E. ; MACHADO, Pea . The relation of trhe count of the cells CD4+ with imunological alterations and retroviral therapy in HIV carrier children. Revista Brasileira de Hematologia e Hemoterapia , Rio de Janeiro, v. 26, n.supl 2, p. 36-36, 2004.

  • BITTENCOURT, Rac ; PEREIRA, Hr ; FELISBINO, S ; OLIVEIRA, Ape ; DEFFUNE, E. . Cultura de células mesenquimais da medula óssea de camundongo utilizando os meios DMEM Knockout e DMEM alta copncentração de glicose. Revista Brasileira de Hematologia e Hemoterapia , RJ, v. 26, n.supl 2, p. 61-61, 2004.

  • GOLIM, Ma ; FERREIRA, Rr ; OLIVEIRA, Ape ; GUIMARÃES, Fr ; DEFFUNE, E. ; MACHADO, Pea . Purificação de anticorpos monoclonais murinos para uso diagnóstico em rotinas laboratoriais. Revista Brasileira de Hematologia e Hemoterapia , RJ, v. 26, n.supl 2, p. 161-161, 2004.

  • CAPELUPPI, Va ; PARAVANI, Mi ; RODRIGUES, Apc ; SILIOTTI, Gb ; GARCIA, Pc ; DEFFUNE, E. ; ZANINI, Jm . Relato de caso: Gravidez com presença de anti-pp1pk X tratamento instituído. Revista Brasileira de Hematologia e Hemoterapia , RJ, v. 26, n.supl 2, p. 250-250, 2004.

  • AZEVEDO, Acm ; SECCO, Vndp ; FERREIRA, Rr ; DEFFUNE, E. ; MACHADO, Pea . Avaliação do impacto da RDC 343 no número de doações com PAI positiva e a freqüência dos anticorpos identificados no Hemocentro de Botucatu. Revista Brasileira de Hematologia e Hemoterapia , RJ, v. 26, n.supl 2, p. 256-256, 2004.

  • OLIVEIRA, Ape ; MORETTI, Db ; DEFFUNE, E. ; ZANINI, Jm ; MURADOR, P . Caracterização imunoquímica de aloanticorpo de especificidade anti pp1pk. Revista Brasileira de Hematologia e Hemoterapia , RJ, v. 26, n.supl 2, p. 257-257, 2004.

  • MURADOR, P ; OLIVEIRA, Ape ; SECCO, Vndp ; PARAVANI, Mi ; FERREIRA, Rr ; RAMOS, Prr ; DEFFUNE, E. . Caracterização imunoquímica de anticorppos monoclonais murinos dirigidos contra antígenos eritrocitários humanos de alta freqüência na população. Revista Brasileira de Hematologia e Hemoterapia , RJ, v. 26, n.supl 2, p. 257-258, 2004.

  • SOUZA, Moe ; SECCO, Vndp ; PARAVANI, Mi ; ZANINI, Jm ; DEFFUNE, E. . Freqüência de doadores de sangue do grupo sangüíneo Rh(D) negativo e CDE positivo. Revista Brasileira de Hematologia e Hemoterapia , RJ, v. 26, n.supl 2, p. 263-263, 2004.

  • SECCO, Vndp ; DOTTI, Ei ; GARCIA, Pc ; PARAVANI, Mi ; DEFFUNE, E. . Programa de seleção de doadores de sangue voluntários para formação de um mini-painel de hemácias selecionadas. Revista Brasileira de Hemtaologia de Hemoterapia , v. 26, n.supl 2, p. 269-269, 2004.

  • GOLIM, Ma ; FERREIRA, Rr ; DEFFUNE, E. ; PADOVANI, Cr ; SILVA, Va ; IKOMA, Mrv ; BARRACH, Fh ; MACHADO, Pea . Análise imunofluorocitométrica da eficiência de controle isotípico desenvolvido in house x comerciais. Revista Brasileira de Hematologia e Hemoterapia , RJ, v. 26, n.supl 2, p. 300-300, 2004.

  • DEFFUNE, E. ; ALVARADO, R. C. ; MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu ; Cortez LS . Costs Evaluation AT The Blood Transfusion Centre.. Vox Sanguinis , v. 83, n.2, 2002.

  • DEFFUNE, E. ; FAGGIAN, L. T. ; IUAN, F. C. ; MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu ; ALMEIDA, A. ; BENATO, S. F. . Tatooing: Toxicological and Infectious Risk. Prejudice or Reality?. Vox Sanguinis , v. 83, n.2, 2002.

  • DEFFUNE, E. ; CHIUSO, F. ; SANTOS, I. A. T. ; MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu . Sensibility Evaluation of TTPA Reagents at the Presence of Lupic Antiocagulating.. Vox Sanguinis , v. 83, n.2, 2002.

  • DEFFUNE, E. ; GARCIA, P. C. ; SECCO, V. N. D. P. ; GARCIA, A. S. ; MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu . Irregular Erythrocyte Antibodies Research in Blood Donors Of Blood Transfusion Center of Botucatu. Vox Sanguinis , v. 83, n.2, p. 26-26, 2002.

  • FERINO, C. A. ; FERREIRA, Rosana Rossi ; THOMAZINI, Izolete ; GUIMARÃES, Fátima Regina ; FLORÊNCIO, Patrícia ; DEFFUNE, E. . Obtaining and characterization of murine monoclonal antibodies against human fibrinogen. Transfusion , Bethesda, EUA, v. 40, n.10S, p. 69S-69S, 2000.

  • TORALLESPEREIRA, C ; PARDINI, Mimc ; DEFFUNE, E. ; DOTTI, Ei ; GONÇALVES, Spa ; MACHADO, Pea . Banco de Doadores com Plaquetas Genotipadas para Antígenos HPA-1, -2, -3, -4, e -5.. Revista Brasileira de Hematologia e Hemoterapia, São Paulo, v. 22, p. 72-72, 2000.

  • DEFFUNE, E. ; GUIMARÃES, F. R. ; Rosalem TCNF . Biossegurança: Pequenas soluções para grandes problemas.. Federação de Sociedades de Biologia Experimental Fesbe, p. 436, 1995.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

DEFFUNE, E. . CHAMADA FAPERGS/MS/CNPq/SESRS n. 03/2017 PROGRAMA PESQUISA PARA O SUS: GESTÃO COMPARTILHADA EM SAÚDE PPSUS ? 2017,. 2017.

DEFFUNE, E. . Capes - Edital PROBRAL I 2015. 2015.

Deffune, Elenice . CHAMADA FAPEAM//SUSAM-SES/MS/CNPq 001/2013 ? PPSUS. 2013.

DEFFUNE, E. ; GOLIM, Marjorie ; Luciandro Sodré . Anticorpo monoclonal anti-CD45. 2009.

DEFFUNE, E. ; MURADOR, Priscila ; FERREIRA, Rosana Rossi . anti-glicoforinas. 2002.

DEFFUNE, E. ; OLIVEIRA, A. P. . anti-eritrócitos de cães. 2001.

DEFFUNE, E. ; FERREIRA, Rosana Rossi ; GUIMARAES, F. R. . anti-fator-VIII. 2000.

DEFFUNE, E. ; KRAUSE, A. ; GUIMARAES, F. R. ; OLIVEIRA, A. P. . anti-eritrócitos de suínos. 2000.

DEFFUNE, E. . anticorpos monoclonais anti-M. 1999.

DEFFUNE, E. . Anticorpo Monoclonal anti-fibrinogênio. 1999.

DEFFUNE, E. . anti-Paracoccidioido micose. 1997.

DEFFUNE, E. . anticorpos monoclonais anti-N. 1996.

DEFFUNE, E. . anti-Eritropoietina humana. 1995.

DEFFUNE, E. . Anticorpos monoclonais anti-AB. 1994.

DEFFUNE, E. ; GUIMARAES, F. R. ; MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu . anticorpos monoclonais anti-C3d. 1994.

DEFFUNE, E. . anti-Kappa. 1994.

DEFFUNE, E. . Tampão à Baixa Força Iônica - BFI método modificado por Deffune. 1994.

DEFFUNE, E. ; GUIMARAES, F. R. ; MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu . anticorpos monoclonais anti-B. 1993.

DEFFUNE, E. ; GUIMARAES, F. R. ; MACHADO, Paulo Eduardo de Abreu . anticorpos monoclonais anti-A. 1992.

DEFFUNE, E. ; RUIZ JUNIOR, R. ; Alves, FLMC ; FELISBINO, Sérgio ; Evaristo, TC . Proposta de modelo experimental de neotraquéia em coelho utilizando técnicas de engenharia de tecidos. 2011.

DEFFUNE, E. ; Sobreira, ML ; Alves, FC ; MOROZ, Andrei ; BERTANHA, M. . Estruturação ex-vivo de vasos sanguíneos a partir da diferenciação de células tronco de coelhos. 2011.

DEFFUNE, E. ; FERREIRA, Rosana Rossi . Biofibrin. 2009.

DEFFUNE, E. ; FERREIRA, Rosana Rossi ; Ferreira, AF . Biogel. 2009.

FERREIRA, Rosana Rossi ; DEFFUNE, E. ; Ferreira, AF . Gel Mix. 2009.

DEFFUNE, E. ; FERREIRA, Rosana Rossi ; Ferreira, AF . Gel de plaqueta laminar. 2007.

DEFFUNE, E. ; FERREIRA, Rosana Rossi . Cola de fibrina home made. 2003.

DEFFUNE, E. . Imunização intra-esplênica. 2000.

DEFFUNE, E. . protocolos de fusão celular. 2000.

DEFFUNE, E. . Produção de Mini-painéis de Hemácias para Screening de Anticorpos Irregulares anti-eritrocitários. 1998.

DEFFUNE, E. . Relatório Técnico do Projeto Amplificação de Anticorpos Monoclonais de uso Hemoterápico. 2010.

DEFFUNE, E. . Relatório Técnico do Projeto Obtenção de Anticorpos Monoclonais de uso Médico. 2010.

DEFFUNE, E. ; FERREIRA, R. R. ; ALVARADO, R. C. . Relatório Técnico do Curso de Especialização em Segurança Transfusional. 2010.

Deffune, Elenice ; LUZO, ANGELA C.M. ; RISSO, M. A. . Pela saúde dos bebes prematuros. 2019. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

DEFFUNE, E. ; Lopes, Jorge Vicente . Biomedicina: CTI recebe a pesquisadora Elenice Deffune e alunos da Unesp Botucatu. 2019.

DEFFUNE, E. ; BOVOLATO, ANA LÍVIA DE CARVALHO ; Silva, PL ; Kohori, NA . Ciênicas sem Limites - UNESP. 2018. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

DEFFUNE, E. . Curativos biológicos produzidos com plasma. 2017. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

DEFFUNE, E. ; Dal Pai . Ciências sem Limites- Pesquisas em Bioprocessos e biotecnologia. 2017. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

DEFFUNE, E. ; Arroyo, G. ; FERREIRA, R. R. . O BIOCURATIVO E A CICATRIZAÇÃO DE FERIDAS CRÔNICAS. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

Eweram J ; DEFFUNE, E. . Equipe Biodyne, do Colégio Embraer, vence Programa Inova Jovem 2016. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

DEFFUNE, E. . Colégio Embraer de Botucatu é destaque no Programa Inova Jovem, da Unicamp. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

DEFFUNE, E. . Prêmio Inova Unicamp 2016 vai para Botucatu. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

Bertanha, M ; SOBREIRA, MARCONE LIMA ; MOROZ, A ; FELISBINO, SÉRGIO LUIS ; DEFFUNE, E. . Heparina para o controle de metástases cancerígenas Tecnologia patenteada inibe a adesão e multiplicação de células de câncer. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

BERTANHA, M. ; DEFFUNE, E. . Premiação em Encontro de Cirurgia Vascular e Endovascular FMB recebeu reconhecimento em evento da especialidade.. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

MORAES, M. L. ; Deffune, Elenice ; Manfrim, F . Novas alternativas para o diagnóstico de hepatite C. 2014. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

Gomes, LG ; MORAES, M. L. ; Deffune, Elenice . Sensor de origem brasileira agiliza o diagnóstico da hepatite C. 2014. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

MORAES, M. L. ; DEFFUNE, E. . Novas alternativas para o diagnóstico de hepatite C Sensor permite teste com eficiência, rapidez, baixo custo e fácil execução. 2014.

Deffune, Elenice . Medicina Regenerativa. 2013. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

Deffune, Elenice . Medicina Regenerativa. 2013. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

DEFFUNE, E. ; FERREIRA, R. R. ; Boner, W ; Bernardes, F . Curativos à base de sangue. 2011. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

DEFFUNE, E. . Curativos Bioativos. 2010. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

DEFFUNE, E. ; FERREIRA, R. R. ; Gobo, M ; Ferreira, AF . Unesp desenvolve novo curativo à base de sangue. 2010. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

DEFFUNE, E. ; FERREIRA, R. R. ; Gobo, M ; Ferreira, AF . Unesp desenvolve novo curativo à base de sangue. 2010. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

DEFFUNE, E. . Adoção de crianças maiores de 5 anos. 2009. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

DEFFUNE, E. . Família Adotiva; PAPEL DA MÃE. 2009. (Programa de rádio ou TV/Outra).

DEFFUNE, E. . Polêmica sobre a pesquisa com células tronco. 2008. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

DEFFUNE, E. . Céluas Tronco embrionárias. 2008. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

DEFFUNE, E. . Docente Homenageada adotou 17 crianças. 2008. (Programa de rádio ou TV/Outra).

DEFFUNE, E. . CTE e STF: quais as perspectivas. 2008. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

DEFFUNE, E. . Regeneração de traquéia: milagre das células tronco?. 2008. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

BONEQUINI JUNIOR, P. ; GARCIA, P. C. ; Machado, PEA ; DEFFUNE, E. . Manual de Transfusão Sanguínea do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu - HCFMB para Médicos. 2017. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Manual).

DEFFUNE, E. ; Risso, Mariane A ; Cotrim, OS ; Bovolato, ALC ; Pereira, Monique Campos ; Neto, T ; Garcia, HV ; Santis, L ; Nunes, HC ; QUEIROZ, C. F. . Atividades de Extensão com Escola de Segundo Grau da Embraer. 2016. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila).

DEFFUNE, E. ; Cotrim, OS . Lavagem e Esterilização de Materiais na área da Saúde. 2016. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Manual).

Bovolato, ALC ; DEFFUNE, E. . Manual de Técnicas de Laboratório e Utilização de Equipamentos Básicos. 2016. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila).

Pereira, MC ; DEFFUNE, E. . Contagem de Células com a Câmara de Neubauer. 2016. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila).

DEFFUNE, E. ; Cotrim, OS ; Alves, G. ; Pereira. A.C.S. . Pesquisador: que profissão é esta?. 2015. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila).

DEFFUNE, E. . Ciência no Brasil. 2014. (Apostila).

DEFFUNE, E. . Educação Sexual para pré-adolescentes. 2014. (Apostila).

DEFFUNE, E. ; FERREIRA, R. R. . Clínica Transfusional. 2011. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila).

DEFFUNE, E. ; FERREIRA, R. R. ; LEITE, J. . Curso de Capacitação em Gestão de Sistema de Qualidade e Gestão Ambiental para os Laboratórios Experimentais-UNIPEX-FMB-UNESP. 2010. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

DEFFUNE, E. ; FERREIRA, R Rossi ; MURADOR, Priscila . Curso de Capacitação em Gestão de Sistema de Qualidade e Gestão Ambiental para os Laboratórios Experimentais-UNIPEX-FMB-UNESP. 2010. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila).

DEFFUNE, E. ; FERREIRA, R. R. ; ALVARADO, R. C. . Módulo Prático do Curso de Especialização em Segurança Transfusional. 2010. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila).

DEFFUNE, E. . Produção de Anticorpos Monoclonais de Uso Médico. 2010. (Relatório de pesquisa).

DEFFUNE, E. ; FERREIRA, R. R. ; ALVARADO, R. C. . Produção de anticorpos monoclonais de uso hemoterápico. 2010. (Relatório de pesquisa).

DEFFUNE, E. ; FERREIRA, R. R. ; ALVARADO, R. C. . Segurança Transfusional. 2010. (Relatório de pesquisa).

DEFFUNE, E. ; FERREIRA, Rosana Rossi ; ALVARADO, R. C. ; MURADOR, Priscila . Biossegurança em unidades hemoterápicas. 2009. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila).

CASTRO, Vagner de ; DEFFUNE, E. . Captação e Coleta de Doadores de Sangue. 2009. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila).

DEFFUNE, E. ; FERREIRA, Rosana Rossi ; SECCO, Valeria Nogueira Dias Paes ; Cardoso, R . Imunohematologia para Unidades hemoterápicas. 2009. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila).

DEFFUNE, E. ; FERREIRA, Rosana Rossi . Ministrar disciplina de Indicação clínica de Hemocomponentes no Curso de Especialização em Segurança Transfusional. 2009. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila).

DEFFUNE, E. ; FERREIRA, Rosana Rossi ; GROTTO, R. M. T. . Doenças Transmissíveis pelo Sangue. 2009. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila).

DEFFUNE, E. ; ALVARADO, R. C. ; FERREIRA, Rosana Rossi . Relatório de Customização para Treinamento em Segurança Transfusional para TO, AP. MT, MS e RR. 2008. (Relatório de pesquisa).

DEFFUNE, E. ; FERREIRA, R. R. ; MIHARA, Lhs . Hemoterapia. 2007. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

DEFFUNE, E. . Hemocomponentes: indicação Clínica. 2007. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

DEFFUNE, E. . Biossegurança. 2007. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

DEFFUNE, E. . Apostila de Hemoterapia para Enfermagem. 2007. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila).

DEFFUNE, E. ; ALVARADO, R. C. . Manual Operacional de Biossegurança. 2007. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Manual).

DEFFUNE, E. ; ALVARADO, R. C. . Manual Operacional de Biossegurança. 2007. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Manual).

DEFFUNE, E. ; ALVARADO, R. C. ; FERREIRA, Rosana Rossi ; MURADOR, Priscila . Manual da Qualidade. 2007. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Manual).

DEFFUNE, E. ; FERREIRA, Rosana Rossi . Manual Operacional Padrão do Lab. Engenharia Celular. 2007. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Manual).

DEFFUNE, E. ; FERREIRA, R. R. ; MIHARA, Lhs . Hemoterapia. 2006. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

DEFFUNE, E. . Indicação e Contraindicação de Hemocomponentes. 2006. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

DEFFUNE, E. . Novas Fronteiras da Hemoterapia. 2005. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

DEFFUNE, E. ; ALVARADO, R. C. . Relatório de Customização do Curso de Especilização em Cl;ínica Trabsfusional no PI. 2004. (Relatório de pesquisa).

DEFFUNE, E. ; ALVARADO, R. C. . Relatório de Customização do Curso de Especialização em Clínica Transfusional para AC e RO. 2004. (Relatório de pesquisa).

DEFFUNE, E. . Clínica Transfusional. 2003. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

DEFFUNE, E. . Ciência Especial. 2011.

DEFFUNE, E. ; FERREIRA, R. R. . Curativos Biológicos. 2010.

DEFFUNE, E. ; FERREIRA, R. R. . Biocurativo. 2010.

DEFFUNE, E. ; MOROZ, Andrei . Células Tronco - Polêmica. 2008.

DEFFUNE, E. ; MOROZ, Andrei . Jornal Regional - Entrevista sobre células tronco. 2008.

Portes, C ; DEFFUNE, E. ; FERREIRA, Rosana Rossi . Células tronco e curativos bio-ativos. 2008.

DEFFUNE, E. ; MOROZ, Andrei . Células Tronco. 2008.

DEFFUNE, E. . Fapesp. 2011 (Revisora de trabalhos científicos em eventos) .

DEFFUNE, E. . XXIII Congresso de Iniciação Científica da Unesp. 2011 (Revisora de trabalhos científicos em eventos) .

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2018 - 2019

    NOVA ABORDAGEM PARA O CONTROLE DE QUALIDADE DE CONCENTRADO DE HEMÁCIAS: DETERMINAÇÃO DE VESÍCULAS EXTRACELULARES, Descrição: A liberação de vesículas é um sistema biológico universal de todas as células, uma resposta celular adaptativa a estímulos fisiológicos ou endógenos, e um meio genial para a comunicação intercelular. Essas vesículas segregadas que são coletivamente designadas vesículas extracelulares (VEs) atraem cada vez mais o interesse dos pesquisadores devido às suas interações imagináveis com cada parte dos sistemas biológicos conhecidos tanto na saúde como nos estados de doença. Embora o isolamento e a caracterização de VEs sejam desafios, devido às suas características físico-químicas particulares e à biologia complexa, a inovação tecnológica recente ofereceu uma melhor compreensão e, inevitavelmente, conduziu a revisão de teorias previamente estabelecidas sobre elas. No entanto, uma questão crucial continua a ser resolvida: a relevância fisiológica de VEs in vivo. Uma vez que a vesiculação da membrana é parte integrante do envelhecimento das hemácias e um processo característico proeminente da lesão de armazenamento de concentrado de hemácias, a caracterização de VEs de armazenamento e sua provável relevância clínica com os efeitos terapêuticos ou adversos das transfusões são alvos extremamente importantes nos campos de pesquisa da biologia e medicina transfusional. Existe a busca em atualizar o inventário de características bioquímicas e biofísicas de VEs de CH armazenados, obter uma visão das vias de sua geração, além de esclarecer sua dependência de acordo com as características dos doadores de sangue, a fim de estabelecer estratégias de armazenamento e variações analíticas, a fim de avançar na compreensão de suas interações com as células armazenadas e com as células dos receptores. Dessa maneira, o presente projeto tem a proposta de identificar e propor a dosagem de VEs nos concentrados de hemácias como forma de controle de qualidade destas unidades em estoque.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (2) / Mestrado profissional: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Marjorie Assis Golim - Integrante / Mariane Aparecida Risso - Integrante / MALHEIROS LUZO, ÂNGELA CRISTINA - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa., Número de produções C, T & A: 4

  • 2018 - 2019

    Proposta de Validação de Imunossensor para Pesquisa de Anticorpos Irregulares, Descrição: A segurança transfusional tem sido almejada cada vez mais e, para tal o aperfeiçoamento de profissionais e técnicas de bancada, tais como: procedimentos técnicos de imuno-hematologia, incluindo a tipagem ABO, RhD, pesquisa de anticorpos irregulares (PAI), provas de compatibilidade (PC) entre outros faz-se necessário. A PAI é, dentre essas de grande importância uma vez que é através dela que conseguimos detectar anticorpos irregulares potencialmente imunogênicos, capazes de causar reações hemolíticas agudas ou tardias. Diante da necessidade de técnicas com tecnologia de ponta, rapidez, eficiência, segurança, reprodutibilidade e principalmente a possibilidade de interfaceamento digital com sistema de prontuário eletrônico, este trabalho teve por objetivo realizar a prova de conceito de um imunossensor para a realização da Pesquisa de Anticorpos Irregulares, utilizando os conceitos de Point ofCare(POC) e Lab-on-a-chip (LOC). Para a obtenção do extrato membranário, as hemácias foram submetidas a um tampão de lise e em seguida as mesmas foram ultracentrifulgadas e os pellets dos extratos membranários de hemácias foram obtidos. O biossensor foi composto do extrato membranário eritrocitário e do pirrol, onde ambos formaram um filme eletrodepositado em eletrodos de platina. Ao filme, foi adicionado o anticorpo comercial anti-DBiorad, incubados em 5, 15, 25 e 60 minutos. O mesmo procedimento foi repetido com três amostras de soro de doadores PAI negativa e três com a presença de anticorpos anti- D. Após a incubação, os eletrodos foram lidos via voltometria cíclica. A leitura do eletrodo contendo pirrol e do eletrodo contendo o pirrol + antígeno provou que houve a eletrodeposição do mesmo. As incubações subsequentes do filme com o anticorpo comercial anti-D revelou que a leitura em uma hora (padrão internacional) de incubação é a melhor, entretanto, não existe diferença significante comparando com o resultado obtido cda reação na presença de anti-D em 5 minutos de incubação. Contudo, quando testado com soros da soroteca positivos e negativos para o anticorpo D não houve diferença nas curvas destes. Isto pode ocorrer, porque o polímero utilizado não seja o adequado para este tipo de análise. Outros polímeros como a fibroína da seda, a quitosana, e antígenos poliméricos deverão ser testados na sequência do trabalho.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Patricia Carvalho Garcia - Integrante / Pamela Leite Silva - Integrante., Número de produções C, T & A: 5

  • 2018 - Atual

    VALIDAÇÃO DO ENSAIO DINÂMICO DE FAGOCITOSE: MONOCYTE MONOLAYER ASSAY, Descrição: A transfusão de concentrado de hemácias (CH) continua a ser um importante procedimento médico usado para aumentar rapidamente o nível de hemoglobina em um paciente, de forma a garantir níveis suficientes de oxigenação no sangue. Este procedimento encontra sólida base científica na indicação para pacientes politraumatizados, oncohematológicos, nas complicações cirúrgicas, doenças cardiovasculares, hemoglobinopatias e anemias hemolíticas autoimunes. No entanto, a transfusão de CH tem riscos associados, como a infecção e outros eventos adversos, entre eles, os imunológicos. Apesar do incansável esforço mundial em protocolos de compatibilidade sanguínea existe a preocupação constante com os casos de pacientes com provas cruzadas incompatíveis e ou bloqueio transfusional que determinam dificuldades técnicas na liberação de CH compatibilizado em pacientes alossensibilizados. Para tal é proposto o ensaio celular baseado na cultura em monocamadas de monócitos isolados de sangue periférico. Trata-se de uma técnica delicada e longa cuja cultura de monócito ao ser submetida à presença de hemácias sensibilizadas com um anticorpo, inicia o processo de fagocitose, sendo, portanto, um modelo in vitro, preditivo da provável reação hemolítica que poderá acontecer in vivo. Estes monócitos humanos expressam RFcs (RIFc, RIIAFc, RIIBFc, e RIIIAFc) que estão envolvidos na resposta imune. O MMA explora o mecanismo de interação do RFc e a fagocitose, pois as hemácias sensibilizadas se aderem à superfície dos monócitos e ativam os RFcs para serem subsequentemente fagocitadas pelos monócitos. A cultura é corada e as rosetas formadas quantificadas. In vivo isto acontece fundamentalmente no baço e fígado. O foco deste projeto foi o da implantação de técnica para minimizar reações hemolíticas após transfusão e como evitar essas reações potenciais diante de pacientes portadores de auto ou aloanticorpos , ou que possa ter valor preditivo do que acontecerá in vivo. Material e Métodos : Foi coletado 10 ml de sangue periférico, na presença de ACD, de 5 doadores do sexo masculino, grupo sanguíneo O RhD positivo. As amostras foram centrifugadas a 900g durante 20 minutos para a obtenção do concentrado de hemácias e buffy coat. Após a eliminação do Plasma rico em plaquetas, o material celular foi diluído v/v em meio Hepes. A obtenção da camada de células linfomononucleares (LMN) foi obtida pela técnica de gradiente de Ficol densidade 1077. Foram plaqueados 10.000 LMN em lâminas de vidro previamente autoclavadas. O conjunto foi mantido em cultura para promoção da adesão dos monócitos por 24h em estufa a 5% de CO2, 37oC. Após este período, a cultura foi exposta às hemácias sensibilizadas e mantidas nas condições de cultura por 2 horas. As lâminas foram lavadas com SF e coradas com May-Greenwald-Giemsa para avaliação microscópica. Foi determinado o número de rosetas a cada 1.000 monócitos identificados.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Patricia Carvalho Garcia - Integrante / Francine Gabriel Gimenes - Integrante / PÂMELA LEITE DA SILVA - Integrante., Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 1

  • 2018 - Atual

    HEMOVIGILÂNCIA DO DOADOR DE SANGUE: ATUAÇÃO DA ENFERMAGEM NA IDENTIFICAÇÃO E CONDUÇÃO DAS REAÇÕES ADVERSAS, Descrição: Diante do impacto de hemoterapia em saúde pública e sua interface com a epidemiologia, em 2009 foi formada a International Haemovigilance Network pela European Haemovigilance Network . A Hemovigilância envolve um conjunto de procedimentos de vigilância cobrindo toda a cadeia transfusional (desde a coleta de sangue e seus componentes até o acompanhamento dos receptores), destinado a coletar e avaliar informações sobre efeitos inesperados ou indesejáveis resultantes do uso terapêutico de produtos sanguíneos lábeis, e para prevenir sua ocorrência ou recorrência. Mas até recentemente, em especial no Brasil, os cuidados eram voltados exclusivamente para os efeitos adversos às transfusões de sangue, ou seja, o foco era no paciente. Em 2015 foi publicado o Marco Conceitual e Operacional em Hemovigilância onde encontram-se os capítulos específicos ao doador de sangue com a classificação das reações quanto ao tempo de ocorrência, quanto à gravidade, quanto à correlação com a doação e quanto ao tipo de doação. Este projeto foi delineado diante da necessidade de diagnosticar o estado da arte dos registros de reações adversas à doação de sangue no Hemocentro de Botucatu nos últimos 5 anos, de forma retrospectiva, desenvolver e implantar manual para atendimento ao doador de sangue, efetuar treinamento específico da equipe e analisar prospectivamente o registro das reações adversas à doação de sangue, tendo como objetivos: 1)Identificar o estado da arte da hemovigilância referente às reações adversas à doação de sangue de 2014-2018, de forma retrospectiva; 2) Elaborar e implantar o manual de atendimento ao doador de sangue no Hemocentro de Botucatu com destaque ao registro e monitoramento das reações adversas; 3)Desenvolver treinamento específico da equipe de Coleta sobre o referido manual; 4) Desenvolver appDOADOR e 5) Identificar prospectivamente as reações adversas à doação de sangue de março de 2019 a novembro de 2020.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Especialização: (1) / Mestrado profissional: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / A Albano - Integrante., Financiador(es): Fundo Nacional de Saúde Ministério da Saúde - Auxílio financeiro.

  • 2018 - Atual

    VALIDAÇÃO DE ANTICORPO MONOCLONAL DIRIGIDO CONTRA ANTÍGENOS PLAQUETÁRIOS PARA A DETECÇÃO DE MICROVESÍCULAS DE PLAQUETAS HUMANAS, Descrição: O laboratório de Engenharia Celular do Hemocentro produziu um anticorpo monoclonal murino contra antígenos plaquetários humanos, o desafio do presente projeto é de caracterizar tal anticorpo e analisar as vesículas extracelulares-VEs formadas em CPs durante o armazenamento.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Fernando Aparecido de Oliveira - Integrante.

  • 2018 - Atual

    Soro Autólogo de Uso Ocular: Enfoque em Medicina Personalizada, Descrição: A Literatura tem apontado um grande avanço no processo de transplantes autólogos.O Sistema Nacional de Transplantes (SNT) é a instância responsável pelo controle e pelo monitoramento dos transplantes de órgãos, de tecidos e de partes do corpo humano realizados no Brasil (Decreto n° 2.268, de 30 de junho de 1997). Olho seco é uma doença multifatorial das lágrimas e da superfície ocular que resulta em desconforto, distúrbios visuais e instabilidade do filme lacrimal. É uma desordem comum que afeta principalmente adultos e mulheres e que pode causar impacto na qualidade de vida comparável a enxaqueca, dispnéia e insuficiência renal crônica, dependendo dos sintomas ou complicações que a acompanham. A utilização de soro autólogo em oftalmologia decorre da necessidade de encontrar um substituto lacrimal, que, além de umidificar, seja capaz de fornecer outros componentes das lágrimas. Os efeitos positivos da aplicação de soro autólogo (SA) no tratamento de pacientes com olho seco são conhecidos desde 1984 devido à investigação da Fox et al, na tentativa de usar lágrimas artificiais livres de conservantes. De todos os componentes que constituem o SA acredita-se que os mais importantes são os Fatores de Crescimento Epitelial (FCE), Fator de crescimento dos Fibroblastos (FCF-b), vitamina A, fibronectina, albumina e neuropéptidos. Assim sendo, FCE acelera o processo de migração do epitélio celular, e tem efeitos anti - apoptóticos. FCF-b está envolvido na reparação a nível epitelial, e a vitamina A nos processos de metaplasia do epitélio. Diante destas constatações científicas, este projeto se propõe a instituir um rigoroso sistema de captação e coleta de sangue para o processamento e dispensação do colírio de uso autólogo. Os resultados esperados compreendem: captação de pacientes para implantar e avaliar os benefícios do uso do colírio autólogo de uso ocular.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (2) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rafael Plana Simões - Integrante / Eduarda de Aguilhardo Chaparro - Integrante., Financiador(es): Fundo Nacional de Saúde Ministério da Saúde - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 3

  • 2017 - 2019

    Uso da latrunculina como inibidor da polimerização da actina de fungos, Descrição: A contaminação biológica em estufas de laboratório de cultura celular é um problema universal. A consequência dessa adversidade vai desde o comprometimento parcial das pesquisas até a perda da credibilidade da instituição. Para evitá-la, existem alguns produtos no mercado. Contudo, o uso desses compostos é contraditório nas publicações científicas e seu custo pode ser proibitivo. O aumento exponencial do uso das técnicas de cultivo de células animais em biomedicina impulsiona as pesquisas para solucionar o desafio de identificar e validar o uso de novas moléculas com ação sobre microrganismos. As Latrunculinas são uma família de compostos com propriedades bioativas extraídos da Negombata magnifica, um porífero que habita o Mar Vermelho. A proposta desta pesquisa é avaliar o potencial antifúngico de substâncias da família de Latrunculinas, estimando sua concentração inibitória mínima frente a um painel de fungos contaminantes mais prevalentes em ambientes laboratoriais de cultura celular e, adjunto disso, analisar curvas de crescimento de células animais comumente utilizadas em trabalhos realizados nestes laboratórios após a exposição às Latrunculinas, com o objetivo de deposição de patente de um produto inovador para controle microbiológico de estufas de cultura celular, expandindo-se também para o ambiente laboratorial. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Prudenciatti, Aruã - Integrante / Eduardo Bagagli - Integrante / El Sayed - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa., Número de produções C, T & A: 1

  • 2017 - 2018

    TRANSFUSÕES DE HEMOCOMPONENTES EM RECÉM-NASCIDOS E SUAS CORRELAÇÕES CLÍNICAS, Descrição: Apesar das mudanças nas rotinas neonatais, como maior tempo para clA transfusão de sangue é sabidamente uma ferramenta terapêutica muitas vezes insubstituível, mas com consequênampeamento de cordão umbilical após o nascimento e diminuição da coleta de amostras de sangue de recém-nascidos (RNs), as transfusões de hemoderivados em neonatologia ainda são muito frequentes. Muitos RNs sob cuidados intensivos, em especial os de muito baixo peso (RNMBP) ao nascer, precisam receber concentrados de hemácias (CH) e/ou demais hemoderivados durante sua internação hospitalar. Anemia da prematuridade e choque hemorrágico são as principais indicações de uso destes produtos. Especialmente na neonatologia, várias associações foram feitas entre administração de concentrados de hemácias e morbidades posteriores, incluindo displasia broncopulmonar, enterocolite necrosante, hemorragia peri-intraventricular e retinopatia da prematuridade. No entanto, muitas vezes não fica clara a associação da administração do CH em si com o desenvolvimento de determinadas doenças. Sabe-se que talvez haja correlação dos níveis prévios de anemia, número de transfusões e/ou demais cuidados neonatais com estes aparecimentos.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Mariane Aparecida Risso - Integrante / Nadja Guazzi Arenales Alves - Integrante., Número de produções C, T & A: 8

  • 2017 - Atual

    Imunossensor para identificação rápida da Doença de Alzheimer, Descrição: A doença de Alzheimer (DA) é a mais importante doença neurodegenerativa crônica da atualidade. Dados estimados da organização Mundial de Saúde projetam um número extraordinário de 100 milhões de doentes em 2050. Esta doença continua sendo um importante desafio, pois tem etiologia obscura, não há tratamento efetivo e compromete de forma progressiva e inexorável a capacidade cognitiva dos acometidos. O aumento da longevidade no mundo todo torna a DA um grande desafio para a saúde pública. A importância da DA da doença neurodegenerativa vai portanto além da sua elevada prevalencia. Um a cada 3 indiíduos norte americanos com mais de 65 anos é acometido morrem de DA ou algum tipo de demencia. A família destes doentes gasta minimamente U$5.000,00/ano com cuidadores. O LEC do Hemocentro de Botucatu produziu e caracterizou por métodos imunoquímicos e proteômica, anticorpo monoclonal de especificidade anti ATP-sintase, por outro lado, o Instituto de Química da UNESP de Araraquara produziu sensor com peptídeos específicos para a identificação de auto-anticorpos em pacientes portadores de DA. Com o objetivo de desenvolver tecnologia que contribua com o diagnóstico laboratorial com a utilização de biomarcadores para a DA, este projeto foi delineado. Por um lado se propõe a reproduzir o sensor já proposto por João Marcos Gonçalves, que detecta o auto anticorpo com a imobilização de peptídeos amiloides e a determinação do nível sérico, intra-eritrocitário e intraplaquetário da ATP sintase em banco de amostras de pacientes e familiares. A inovação reside no fato de se usar uma dupla detecção que possa efetivamente se tornar um point-of-care, com biomarcadores específicos, sensíveis e práticos para o diagnóstico da DA.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Marli Leite de Moraes - Integrante / Ana Livia de Carvalho Bovolato - Integrante / Sidney José Luis Ribeiro - Integrante / Ivana Cesarino - Integrante / Martin Leme - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 3

  • 2017 - Atual

    IMUNOSSENSOR PARA TIPAGEM SANGUÍNEA, Descrição: Biossensores são aparelhos de análises que combinam componentes biológicos com detectores físico-químicos. É possível interpretar e disponibilizar os resultados de uma forma de fácil interpretação ao usuário ou até associá-los de forma automática a uma rede de dados. O termo internacional "biosensor" tem sido usado de forma crescente em publicações científicas desde 1980, demonstrando a importância e interesse científico mundialmente sobre este conceito. Em questão de mercados, há relatórios que indicam que biossensores irão movimentar mais de 220 bilhões de dólares mundialmente no próximo ano. Point-of-care (POC) trata da ideia de se realizar atendimento e exames próximos ao paciente, trazendo como vantagem: diagnóstico mais rápido, preciso e menos propenso a erros ou troca de dados. Os biossensores são capazes de prover resultados em menor tempo além de possibilitar seu transporte até o paciente independente de onde esteja. O propósito deste trabalho é utilizar os anticorpos anti-A, anti-B e anti-AB produzido no Hemocentro de Botucatu por clones e anticorpos anti-RhD adquiridos no mercado, para desenvolver um imunossensor para realizar a tipagem sanguínea de forma rápida, precisa e com resultados objetivos em plataformas digitais. Provando-se o sucesso desta técnica, a base de produção pode ser utilizada no futuro para outros anticorpos específicos e diferentes analitos de interesse.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Alexandre Gianecchini Romagnolo - Integrante / Ivana Cesarino - Integrante / Martin Leme - Integrante / Pâmela Leite da Silva - Integrante.

  • 2017 - Atual

    PROCESSAMENTO E VALIDAÇÃO DE HEMOCOMPONENTES OBTIDOS DO SANGUE DO CORDÃO UMBILICAL E PLACENTÁRIO., Descrição: Os Bancos de Sangue de Cordão Umbilical e Placentário (BSCUP) atualmente são mantidos com o intuito de coleta, processamento e criopreservação de células-tronco hematopoéticas (CTH) para transplante. O sangue e o tecido provenientes desse material têm sido explorados com o passar dos anos, e aplicados separadamente como terapia em diversas áreas, como na hemoterapia, terapia celular, medicina regenerativa, entre outras, por se tratar de um material rico em células e componentes proteicos. Frente a isso, o presente trabalho foi delineado com a proposta de explorar/potencializar o uso dos materiais obtidos no processamento do sangue e tecido do cordão umbilical e placenta, buscando direcionar os BSCUP para uma função maior que somente a criopreservação de CTH, levando em consideração também, que muitas vezes por quantidade inferior à mínima para o transplante, o material não pode ser utilizado para este fim. O projeto em parceria com Banco de Sangue de Cordão Umbilical e Placentário da UNICAMP tem como objetivo receber, processar, validar e controlar a qualidade dos componentes celulares e proteicos obtidos, direcionando a aplicabilidade dos mesmos de acordo com suas características biológicas. Serão processados hemocomponentes como concentrado de hemácias, concentrado de plaquetas e plasma rico em fatores de crescimento que após validação terão indicação clínica em recémnascidos de extremo baixo peso internados em unidades de terapia intensiva.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (2) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Ana Livia de Carvalho Bovolato - Integrante / Mariane Aparecida Risso - Integrante / Alexandre Gianecchini Romagnolo - Integrante / MALHEIROS LUZO, ÂNGELA CRISTINA - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1

  • 2017 - Atual

    Desenvolvimento de Imunossensor para detecção de Hemorragia Feto-Materna (HFM), Descrição: A hemorragia feto-materna (HFM) é uma condição relativamente comum na gestação em que o sangue do feto extravasa das vilosidades da placente, entrando na circulação sanguínea da mãe. Essa situação é relativamente preocupante em casos de incompatibilidade sanguínea, marcadamente situações de mães Rh -negativas com fetos Rh-positivos. Mães expostas ao sangue dos filhos podem sensibilizar-se contra o antígeno Rh, levando a resposta imune de rejeição, especialmente quando o fato se repete em gestações posteirores. Desse fenômeno decorrem diversas condições, tais como a hidropsia e danos cerebrais,podendo em casos extremos ocorrer morte fetal. Devido a esse risco, é importante desenvolver testes que permitam prontamente quantificar a HFM. Essa quantificação mede a circulação de Hemoglobina fetal (HbF), que deveria ser quase ausente no sangue adulto. Sua presença indica HFM. Atualmente, os métodos disponíveis para quantificação de HbF (tais como a citometria de fluxo) são complexos e de alto custo. As pesquisadoras se propõem a desenvolver alternativa mais barata e viável para essa quantificação. Para tanto, utilizarão pequena alíquota de sangue de recém-nascidos, sobra de coletas de sangue do cordão umbilical realizadas para exames de rotina. Serão incluídos 20 recém-nascidos Rh-positivos de mães Rh-negativas. Esse sangue terá sua HbF isolada e injetada em camundongos,dos quais serão obtidas células produtoras de anticorpos. Estas serão fundidas a outras linhagens celulares de linfócitos B (disponíveis comercialmente) de forma a serem obtidas grandes quantidades de anticorpos anti-HbF. Por fim, será desenvolvido em parceria com o curso de Engenharia de Bioprocessos da Faculdade de Ciências Agronômicas de botucatu um imunossensor elétrico capaz de quantificar no sangue humano a HbF. Almeja-se que esse imunossensor, através da quantificação do HbF, determine a intensidade da HFM. Desenvolver imunossensor capaz de quantificar hemoglobina fetal no sangue de gestantes, e assim estimar a intensidade da Hemorragia Feto-Materna, permitindo introdução de medidas para proteção de fetos.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Marli Leite de Moraes - Integrante / Marjorie de Assis Golim - Integrante / Ana Livia de Carvalho Bovolato - Integrante / Suelen de Souza Assunpção Nishio - Integrante.

  • 2015 - 2018

    PRODUÇÃO DE IMUNOSENSOR PARA IDENTIFICAÇÃO DE CÉLULAS TRONCO MESENQUIMAIS HUMANAS, Descrição: Resumo Pesquisas recentes envolvendo células-tronco e engenharia celular apontam para um futuro promissor com base na terapêutica regenerativa e substitutiva de tecidos. Progressivamente, o uso das células tronco mesenquimais derivadas de tecido adiposo (CTM-TA) tem ocupado espaço importante na ciência para esta finalidade terapêutica. Comprovar a presença e o perfil das CTM-TA, em especial para determinados modelos animais, é muito laborioso e encontra diversas barreiras com existência e custo de reagentes, tempo de cultura. A simples adesão ao plástico e a diferenciação em tri-linhagem não são consideradas suficientes pela Sociedade Internacional de Terapia Celular (SITC). Há necessidade de imunofenotipagem e ou estudo da expressão genômica.(colocar algumas coisa q conecte). Diante disto, o LEC produzirá hibridomas anti-CTM de humano. Diante da importância dos projetos de neovasos, há necessidade de se validar estes anticorpos, e a proposta atual é a de um protótipo de biosensor, com anticorpo anti-CD90 produzido in house imobilizado em fibroína da seda, para facilitar os trabalhos de pesquisa e controle da qualidade das células em expansão, entre uma passagem e outra. Esta etapa hoje necessitam de técnicas sofisticadas e bem padronizadas como a citometria de fluxo. No entanto, estas dependem da disponibilidade do equipamento, da agenda do laboratório e do operador, além de serem técnicas longas (1 dia). Em vista disso, pretende-se testar a segurança e eficácia do novo modelo de identificação de células tronco mesenquimais. Trata-se de projeto cooperativo com Instituto de Química de Araraquara e da UNIFESP. Futuramente, esse modelo poderá ser ampliado com outros anticorpos sendo aprimorado para a quantificação das células.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (2) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Fausto Viterbo - Integrante / Matheus Bertanha - Integrante / Ana Livia de Carvalho Bovolato - Integrante.

  • 2015 - 2018

    AVALIAÇÃO DO DESEMPENHO DA COLA DE FIBRINA HOME MADE ENRIQUECIDA COM L-GLUTAMINA COMO SCAFFOLD PARA CULTURA DE CÉLULA TRONCO MESENQUIMAL, Descrição: Desde 2001 o Laboratório de Engenharia Celular do Hemocentro de Botucatu mantem linha de pesquisa na área de curativos biológicos/biocurativos. Neste período, 24 trabalhos científicos foram desenvolvidos, entre eles, o enriquecimento da cola de fibrina home made (Biofibrin) com a L-Glutamina. Este fato se deu pela identificação de oportunidade de melhoria do produto com a adição de aminoácido não essencial, vital no ciclo celular. A formulação farmacotécnica ideal foi delineada e realizada por farmacêutico em 2013 , no entanto, ensaios de cultura celular não foram desenvolvidos. Como as técnicas de engenharia de tecidos tem evoluído muito e busca de forma incessante novos scaffolds, encontrou-se no novo produto Biofibrin Glut uma oportunidade de implementar a cultura de células tronco mesenquimais. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Ondina Silvia Cotrim - Integrante / Andrei Moroz - Integrante / Pamela Fernanda Martinez - Integrante., Financiador(es): Fundo Nacional de Saúde Ministério da Saúde - Auxílio financeiro.

  • 2015 - 2018

    Modulação do microambiente periférico pelas células tronco mesenquimais e meio condicionado na fibrose pulmonar experimental, Descrição: O projeto de pesquisa intitulado ?Modulação do microambiente periférico pelas células tronco mesenquimais e meio condicionado na fibrose pulmonar experimental? será realizado cooperativamente entre o Laboratory of Histomorphometry and Lung Genomics ? FMUSP, Laboratório de Engenharia de Tecidos do Hemocentro do HCFMB, UNESP e o Lab Patologia das Doenças Pulmonares e Pleurais ? HCFMB, UNESP. As funções no projeto serão assim distribuídas: 1) Laboratório de Engenharia de Tecidos, UNESP-Botucatu: a. Obtenção, processamento e caracterização de células-tronco mesenquimais alogênicas de tecido adiposo 2) Laboratory of Histomorphometry and Lung Genomics ? FMUSP a. Análise de expressão gênica por PCR quantitativa em tempo real b. Técnica empregada para microscopia eletrônica c. Imunofluorescencia e Imunohistoquímica 3) Lab Patologia das Doenças Pulmonares e Pleurais ? HCFMB, UNESP a. Indução experimental de fibrose pulmonar b. Histologia, Histoquímica e Morfometria c. Recontrução 3D por Microscopia Confocal. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Renato Gonçalves Félix - Integrante / Alexandre Todorovic Fabro - Integrante / Vera Luiza Capelozzi - Coordenador., Número de produções C, T & A: 3

  • 2015 - 2017

    Cartão de redeterinação de tipagem sanguínea a beira do leito, Descrição: Trata-se de projeto conjunto no Laboratório de Engenharia Celular do Hemocentro de Botucatu com a finalidade de disponibilizar um teste rápido de conferencia do grupos sanguíneo ABO, para pacientes que são submetidos à transfusão sanguínea, no sentido de aumentar a segurança transfusional e evitar que o sangue correto seja instalado no paciente errado. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (2) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Ondina Silvia Cotrim - Integrante / Ana Livia de Carvalho Bovolato - Integrante / Monique Campos Pereira - Integrante / Mariane Aparecida Risso - Integrante / Lais de Santis - Integrante / Thays Neto - Integrante / Alexandre Gianecchini Romagnolo - Integrante., Financiador(es): Financiamento Próprio - Auxílio financeiro.Número de orientações: 2

  • 2015 - 2016

    Avaliação Externa da Qualidade em Imuno-hematologia de Serviços Transfusionais da Área de Abrangência da Grande São Paulo e Mato Gross, Descrição: O Programa de Avaliação Externa da Qualidade - Sorologia e Imuno-hematologia (AEQ) é um programa de controle de qualidade externo (CQE) laboratorial dirigido aos Serviços de Hemoterapia (SH) públicos e filantrópicos ou privados conveniados ao Sistema Único de Saúde (SUS), promovendo o envio regular de amostras com fins de ensaios de proficiência e a consequente análise do desempenho dos serviços participantes. Seu principal objetivo é contribuir para a acurácia dos resultados laboratoriais obtidos nestes serviços. O Programa AEQ-IH tem contado com instituições parceiras responsáveis pela produção e distribuição dos painéis de controle externo. Estes parceiros incluem oito (8) hemocentros de referências regionais para o AEQ-IH (HEMOAM, HEMOPA, HEMOPE, HEMORIO, HEMOMINAS, Hemocentro da UNESP de Botucatu, Hemocentro da Unicamp e HEMOSC) que atendem a uma área de abrangência pré-definida. Bio-Manguinhos/Fiocruz é a UP do AEQ em sorologia e atende ao Brasil inteiro. Além disso, o AEQ conta ainda com uma rede de laboratórios de apoio (Laboratórios de Referência - LR e Laboratórios de Validação - LV) e com dois Comitês de Assessoramento Técnico (CTA) constituídos por profissionais pertencentes a instituições de referência nas respectivas áreas de atuação. Os resultados dos participantes são retornados às UP onde são avaliados, com a supervisão dos CTA que se reúnem regularmente, para emissão dos relatórios de desempenho individuais e globais aos serviços participantes. Os objetivos deste trabalho envolvem a análise de desempenho dos Serviços Transfusionais atendidos pela Unidade Produtora (UP) do AEQ-IH do Hemocentro de Botucatu levando em consideração diferentes parâmetros ao longo do tempo, de 2005 a 2015 identificando oportunidades de melhoria para a mesma. Os dados obtidos a partir do desenvolvimento do atual projeto de pesquisa serão úteis para avaliar a atuação da Unidade Produtora (UP) do AEQ-IH Hemocentro de Botucatu e os serviços da respectiva área de abrangência, objetivando propostas de melhorias aos serviços transfusionais, minimizando as desigualdades e discrepâncias regionais na qualidade do sangue transfundido no país.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristine Evaristo - Integrante / Thays Neto - Integrante., Financiador(es): Agência Nacional de Vigilância Sanitária - Outra.Número de orientações: 1

  • 2015 - Atual

    Produção de anticorpos monoclonais murinos contra antígenos associados à metástase de células tumorais prostáticas por imunização subtrativa, Descrição: O câncer de próstata (CaP) é o câncer mais diagnosticado e a segunda causa de mortes por câncer entre os homens na América e nos países da Europa Ocidental. No Brasil, o número de novos casos de CaP estimado para o ano de 2014 foi de 68.800. A forma mais letal do CaP é aquele resistente a castração (CPRC), para o qual os tratamentos disponíveis conferem sobrevida média de 24 meses, mas não há terapias curativas efetivas para os estágios avançados. Por isso, tratamentos adjuvantes associados aos tratamentos de quimioterapia e radioterapia têm grande importância, e dentre eles se destaca à imunoterapia, que faz uso de anticorpos monoclonais, ferramentas que também tem importante papel para o diagnóstico e estadiamento da doença. Neste sentido, este projeto tem por objetivo a produção e caracterização de um painel de anticorpos monoclonais murinos diferencialmente dirigidos contra células tumorais prostáticas humanas. Estes anticorpos, depois de produzidos, serão testados em blocos de tecidos tumorais prostáticos, armazenados em serviço de patologia, com a finalidade de se comprovar a sua utilidade diagnóstica e de estadiamento. Futuramente, as possíveis atividades antitumorais diretas ou imuno-mediadas poderão ser investigadas. Após a caracterização e descrição das proteínas alvo destes anticorpos produzidos, será possível patentear o clone, gerando anticorpos nacionais inéditos, que podem auxiliar no diagnóstico e estadiamento do câncer de próstata. Além disso, anticorpos com atividade antitumoral podem, no futuro, ser humanizados e utilizados em imunoterapia contra o câncer de próstata.. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Wagner José Fávaro - Integrante / Rodrigo Almeida - Integrante / Andrei Moroz - Coordenador / Sergio Felisbino - Integrante / NAKAMURA, CECÍLIA NAOMI - Integrante / KANENO, RAMON - Integrante / BILLIS, ATHANASE - Integrante / CERRI, MARCEL OTÁVIO - Integrante / FUSCO-ALMEIDA, ANA MARISA - Integrante / MENDES-GIANNINI, MARIA JOSÉ - Integrante / Nicolli Nakagima Costa - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2014 - 2014

    Avaliação de três diferentes metodologias para a coleta de células tronco mesenquimais de tecido adiposo, Descrição: Trata-se de projeto em colaboração com empresa que desenvolve e aprimora cânulas de lipoaspiração.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Camila Juliane Sena Maleski - Integrante / Bashir Mussa Gazi - Integrante., Financiador(es): Faga Medical Equipamentos Cirúrgicos - Bolsa.

  • 2013 - 2017

    Padronização do Plasma Rico em Plaquetas para uso Ortopédico, Descrição: Muitas especialidades médicas têm utilizado o Plasma Rico em Plaquetas (PRP) em diferentes modalidades terapêuticas, como está ocorrendo em especial nas áreas de Odontologia, Ortopedia e em Cirurgia Plástica. O Conselho Federal de Medicina em sua resolução n2128/2015 considera o Plasma Rico em Plaquetas (PRP) como procedimento experimental, só podendo ser utilizado em experimentação clínica dentro dos protocolos do sistema CEP/CONEP. No entanto, em período muito próximo o Conselho Federal de Odontologia publica resolução autorizando o uso do PRP autólogo e do Plasma Rico em Fibrina considerando a manipulação do sangue para a obtenção do PRF poderá ser feita em centro cirúrgico ou consultório odontológico por cirurgião-dentista desde que o profissional seja comprovadamente habilitado. Segundo a portaria, cometerá infração ética, sujeita a sanções administrativas, o profissional que fizer anúncio do uso dos hemocomponentes como sendo o mesmo que o tratamento com células-tronco, este último, não aprovado. A ANVISA, respondendo a Sociedade Brasileira de Cirurgia em Joelho informa que a produção e uso do PRP no âmbito da Hemoterapia, deve seguir o preconizado pela legislação vigente para a área de sangue (RDC da Anvisa n 57/2010, que determina o regulamento sanitário para os serviços que desenvolvem atividades relacionadas ao ciclo produtivo do sangue humano e componentes e procedimentos transfusionais e a Portaria Ministerial n 1353/2011, que aprova o regulamento Técnico de Procedimentos Hemoterápicos). No entanto, esta resposta também comete o equívoco de considerar sinônimos PRP e gel plaquetário ou gel de plaquetas. Diante do surgimento de novas empresas e protocolos terapêuticos no país, com resultados conflitantes e metodologia pouco padronizada, identificou-se uma janela de oportunidade analisando artigos publicados em base de dados médicos. Foram avaliados os artigos disponíveis no Pubmed a partir de 2012 como free article/open access uma vez que havia a necessidade de se avaliar o país de origem, a metodologia descrita e a coerência desta metodologia com procedimentos padronizados e validados na área de Hemoterapia. As palavras chave utilizadas foram: platelet-rich plasma(PRP), platelet lysate(PL) e platelet growth factors(PGF). De 1954 a maio de 2016 foram publicados em média 739 artigos com estes unitermos perfazendo um total de 45.816 artigos. Com PRP entre 2012 e maio de 2016 foram publicados 2502 artigos, PL, outros 145 e PGF 6505, na espécie humana foram respectivamente: 1338,105 e 4436, portanto nos últimos 5 anos, foram publicados 5879 artigos, no tema, especificamente para humanos. Foram analisados apenas os artigos open access. Identificou-se que em média 15% deles estão nesta condição. Destes, foram analisados 29 (14,35%) para PRP, 14 ( 50%) para PL e 7(41,17%) em PGF. Totalizando 50 artigos. Os artigos contendo a palabra-chave PL foram publicada em revistas de FI maiores ( média de 3,75). O periódico de maior impacto foi Cell, com 32,24, artigo que se refere ao uso do lisado plaquetário como substitutivo do soro fetal em cultura celular e medicina regenerativa. Os países que mais publicam são Itália, Estados unidos e Irã. Dos 50 artigos analisados, 10 (20%) foram considerados inconclusivos pelos autores. Destes, 4 deles (40%) a terminologia era de PRP, a técnica utilizada era mesmo de PRP com uma única centrifugação utilizada, conforme descrito no Material e Métodos do artigo, fazendo supor de que a preparação de 1 centrifugação, que realmente corresponde a terminologia de PRP, é a principal responsável por resultados inconclusivos. Outros 4 artigos tiveram a mesma constatação, de que não foi possível afirmar a superioridade, no entanto os autores usaram HDP como terminologia e 2 artigos usaram LP. Destes últimos há que se destacar a heterogeneidade de metodologias utilizadas. Aqueles que identificam c. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Ondina Silvia Cotrim - Integrante / Rosa, Isabele Silveira - Integrante / Ricardo V Pereira - Integrante., Financiador(es): Fundo Manional de Saúde/MS - Auxílio financeiro.

  • 2013 - 2016

    AVALIAÇÃO DO EFEITO DA BIOESTIMULAÇÃO DO LED VERMELHO CONTÍNUO E PULSÁTIL EM CULTURA CELULAR DE CÉLULAS-TRONCO MESENQUIMAIS., Descrição: A célula-tronco mesenquimal pode ser isolada de várias fontes biológicas, como o cordão umbilical, a medula óssea, o tecido adiposo e o fígado fetal. São consideradas grandes candidatas para aplicação em terapia celular devido a facilidade de obtenção. O tecido adiposo seja uma promissora fonte de células-tronco adultas para aplicações terapêuticas. Caracterizam-se por ser uma população de células multipotentes capazes de se diferenciar e produzir qualquer tipo celular necessário num processo de reparação, como osteoblastos, condroblastos, hepatócitos, neurônios, células epiteliais, renais, cardíacas, dentre outras. A grande aplicabilidade da óptica, hoje em dia, deve-se, bastante, à existência do raio laser. Recentemente, a utilização do laser de baixa energia (LBE) vem sendo pesquisada por inúmeros autores como medida adjuvante na cicatrização de feridas, além de aumentar o metabolismo celular, estimular a fosforilação oxidativa e reduzir a resposta inflamatória local. Ambos lasers e LEDs estão sendo utilizados para diferentes tipos de aplicações no diagnóstico e tratamento de doenças ou mesmo por bioestimulação da regeneração de tecidos. O objetivo deste estudo é avaliar e descrever a ação do LED (Light Emitting Diode) vermelho de comprimento de onda 630nm como bioestimulador de célula-tronco mesenquimal em cultura celular, avaliando-se a diferença entre aplicação do LED em modo contínuo e em modo pulsátil.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Andrei Moroz - Integrante / Heloisa Vicente Garcia - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2013 - 2016

    Obtenção de anticorpos monoclonais murinos contra antígenos do Staphylococcus aureus resistente à meticilina por imunização subtrativa, Descrição: Dentre os estafilococos, o Staphylococcus aureus é o patógeno mais importante para a saúde humana. O surgimento e a disseminação progressiva da resistência à meticilina tiveram grande impacto na terapia das infecções estafilocócicas. O mecanismo de resistência à meticilina desenvolvido pelos S. aureus está relacionado com a alteração das proteínas ligantes de penicilinas, as PBPs. As cepas de S. aureus resistentes à meticilina produzem uma nova PBP, denominada PBP2a. Dentre os diversos métodos utilizados para detecção da resistência à meticilina no S. aureus, destaca-se a detecção da PBP2a por métodos de aglutinação em látex utilizando anticorpo monoclonal específico. A presente pesquisa é composta de dois objetivos principais: 1) Clonagem e caracterização de híbridos dirigidos contra a PBP2a de cepa de S. aureus resistente à meticilina, armazenados no banco do Laboratório de Engenharia Celular (LEC) e 2) produção de novos anticorpos monoclonais anti-MRSA utilizando o método de imunização subtrativa. A finalidade dessa pesquisa é a obtenção de um teste rápido para identificação de cepas de S. aureus resistente a meticilina através da constituição de um imunosensor acoplado ao anticorpo monoclonal de melhor desempenho. Desse modo, deseja-se evitar a disseminação dessa bactéria no ambiente hospitalar e, contribuir para geração de patentes e competitividade tecnológica no país. Palavras-chave: Anticorpo monoclonal, Staphylococcus aureus, resistência à meticilina, imunização subtrativa.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Ana Claudia Simões - Integrante / Gislaine Aparecida Querino - Integrante.

  • 2013 - 2016

    ANÁLISE DE DESEMPENHO DE MEMBRANAS DE QUITOSANA, E FIBROÍNA DA SEDA DOPADAS COM HORMÕNIOS DERIVADOS DE PLAQUETAS NO CULTIVO DE CÉLULAS TRONCO MESENQUIMAIS, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Ondina Silvia Cotrim - Integrante / Natália Bueno Melo Carvalho - Integrante / Rosana Ferreira Rossi - Integrante.

  • 2013 - 2015

    Efeito da Terapia com Células tronco mesenquimais autólogos na regeneração da cartilagem articular de joelhos de coelhos submetidos à osteoartrite experimental, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Especialização: (1) Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Larissa da Silva Campos - Coordenador / Áureo Santana - Integrante.

  • 2012 - 2014

    Influencia do LED na produção de anticorpos monoclonais in Vitro., Descrição: A produção de anticorpos monoclonais (mAb) é uma importante ferramenta da biotecnologia médica e da produção de biofármacos, principalmente, para diagnósticos de doenças e tratamento de infecções, pois os anticorpos monoclonais têm significativa vantagem em relação a agentes químicos convencionais utilizados em terapias. Nos últimos trinta anos a tecnologia de obtenção de anticorpos monoclonais desenvolveu-se principalmente a técnica de obtenção in vitro, porém além da sua produção ser laboriosa, o custo é alto. Um dos elementos determinantes do elevado custo de produção é o fato de que a cultura a longo prazo consome grande quantidade de insumos importados de alto valor agregado. Uma das grandes contribuições do presente trabalho é a de promover crescimento celular mais rápido e eficiente. Atualmente a uma grande corrida para descobrir novas tecnologias e técnicas para sintetizarem novos anticorpos e aumentar significativamente a produção de mAbs murinos.Novas tecnologias como o LASER e o LED são inovações bem difundida na vida moderna, a tal ponto que seu uso vem proliferando mundialmente, principalmente na área médica. Estudos recentes apresentam uma série de resultados da influência da luz LED em tecidos biológicos tais como; o aumento da taxa de proliferação de células, o aumento da taxa de produção de fibroblastos e da síntese de colágenos, aumento da taxa de síntese de RNA e DNA , síntese de ATP, etc. Objetivo - Avaliar a contribuição do LED na cultura de Mieloma NS1murino em comparação ao procedimento padrão. Material e Métodos ? As células de NS1 foram fornecidas e seguiram os critérios de meio de cultura do Laboratório de Engenharia Celular do Hemocentro de Botucatu (POPs). A mesma quantidade de células foi semeada em frascos de 25 cm2 de poliestireno Tissue Culture Treated, marcada de forma específica e mantida em meio especial RPMI 1640 Gibco BRL suplementado com soro fetal bovino 10%, aminoácidos essenciais e não essenciais, glicose, insulina e antibióticos. Empregou-se LEDs Cromatek nos comprimento de ondas de 630nm, 475nm e 530nm. As das placas de cultura em estudo foram irradiadas por um período de nove dias seguidos com três aplicações diárias com um minuto de estimulação para trinta segundos de relaxamento, em três etapas separadas. O material foi observado diariamente por microscopia invertida confocal e obtenção de imagens de monitoramento da evolução das células antes das contagens realizadas em câmaras de Neubauer sem a informação aos técnicos da cultura celular, de quais placas estavam recebendo o tratamento com a luz.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Aparecida Vitória G. Souza - Integrante / Woner Mion - Integrante / Nathália Inada - Integrante / Vanderlei Bagnato - Integrante.

  • 2012 - Atual

    Validação Multicêntrica dos hemocomponentes especiais., Descrição: A Seção de biotecnologia do Hemocentro do Hospital das Clínicas (HC) da Faculdade de Medicina de Botucatu (FMB) UNESP é responsável pela linha de pesquisa denominada Biocurativo. Esta linha de pesquisa iniciou-se em 2001 com a análise qualitativa do plasma fresco congelado por mais de 12 meses, no sentido de aperfeiçoar a apresentação farmacêutica para uso terapêutico alternativo. Após identificação de que fatores de coagulação mais estáveis e imprescindíveis para o processo de remodelamento de lesões de pele permaneciam íntegros após período regulamentar para uso venoso , pesquisas em pequenos animais foram iniciadas, culminando com a aprovação em 2003, dos primeiros testes em seres humanos. Atualmente o HB dispõe de 3 produtos: Biofibrin (cola de fibrina de uso externo), gel mix (cola de fibrina aditivada) e Biogel ( gel de plaquetas), considerados hemocomponetes especiais. Apesar de serem testados em 2.000 pacientes do HC, os produtos ainda não sofreram validação multicêntrica, objetivo deste projeto. Outro aspecto importante trata-se da heterogeneidade de formação dos profissionais e mesmo cuidadores que fazem o curativo, a identificação de que os procedimentos são realizados de forma indevida, incorreta e prejudicial ao processo de reparação tegumentar há a necessidade do desenvolvimento de material didático impresso e eletrônico voltados para diferentes públicos: profissionais da área da saúde, cuidadores e pacientes. Com este programa educação sendo disponibilizado mais universalmente, espera-se que os resultados obtidos em qualquer centro do país sejam muito próximos ou superponíveis aos encontrados em Botucatu.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (2) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante., Financiador(es): Fundo Nacional de Saúde Ministério da Saúde - Auxílio financeiro.Número de orientações: 4

  • 2010 - Atual

    Proposta de modelo experimental de neotraquéia em coelho utilizando técnicas de engenharia de tecidos, Descrição: Injúrias traqueais são problemas na prática cirúrgica, pois apresentam dificuldades no tratamento. A engenharia tecidual (ET) consiste na regeneração de órgãos, através do recrutamento de tecidos do paciente, dissociados em células que são cultivadas sobre suportes biológicos ou sintéticos, para serem reinseridos no paciente; sendo a única técnica para substituição traqueal que fornece promessa real. A ET já tornou possível a substituição traqueal em paciente que apresentava estenose traqueobrônquica melhorando a qualidade de vida. Assim é possível construir uma neotraquéia com propriedades mecânicas que permitem a fisiologia normal, sem riscos de rejeição, provando que, células autólogas combinadas com biomateriais apropriados podem fornecer soluções funcionais em situações cirúrgicas complexas. O maior desafio é construir por meio de técnicas de ET uma via respiratória funcional que seja uniforme e altamente eficiente na cultura celular na superfície externa e interna da matriz tubular tridimensional, co-cultivando diferentes tipos celulares. Estabelecer um protocolo de modelo experimental de neotraquéia sobre uma estrutura tridimensional autóloga recobrindo-a externamente com o tecido cartilaginoso e internamente com epitélio respiratório é o desafio deste projeto.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Sérgio Felisbino - Integrante / Thaiane Cristina Evaristo - Integrante / Raul Ruiz Junior - Integrante / Flávia Cilene Maciel da Cruz Alves - Integrante / Paulo F G Cardoso - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2011

    Importância da segregação de materiais no gerenciamento de lixo hospitalar na área de hemoterapia, Descrição: Trata-se de projeto desenvolvido com objetivo de implantar Produção mais Limnpa dentro do ciclo de hemoterapia.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Ondina Silvia Cotrim - Integrante / Edna Slob - Integrante.

  • 2008 - 2011

    Terapia Celular no Tratamento de Feridas Crônicas, Descrição: O hemocomponente gerador da cola de fibrina home made é a fração do plasma fresco congelado. Neste os fatores I (fibrinogênio), VIII, XIII, von Wilebrand e fibronectina estão presentes em elevada concentração. O fibrinogênio, fator I da coagulação sangüínea, sofre ativação nos processos de injúria tecidual onde são desencadeados os fenômenos hemostáticos que culminam com a formação de uma rede resistente de fibrina na qual existem leucócitos, hemácias e plaquetas. O gel de plaquetas é um hemocomponente obtido a partir de concentrado de plaquetas ou de plaquetaféres com adição de gluconato de cálcio e trombina e tem sido alvo de muitos estudos na última década devido a seu auxílio no processo de cicatrização, especialmente porque libera fatores de crescimento no leito de feridas promovendo a reparação fisiológica tecidual. No projeto em tela pretende-se comparar a ação de curativos bioativos home made: Cola de fibrina e gel de plaquetas laminares versus auto-enxerto de modelo de pele cultivado ex vivo no processo de cicatrização de feridas crônicas. Descritores: Plaquetas; Feridas; Queratinócitos; Fibroblastos.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado profissional: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Marjorie Golim - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Flávia Cilene Alves - Integrante / Michele Valério - Integrante / Norma Gondim Cleto - Integrante / Aline Aun - Integrante / Juliane Campos Inácio - Integrante.

  • 2008 - 2010

    Crossmatch informatizado, Descrição: O presente trabalho tem como objetivo aimplantação do crossmatch informatizado com a implantação de pulseiras código de barra em pacientes candidatos à transfusão de hemocomponentes e a leitura pré-instalação do produto da pulseira e do código de barra da bolsa.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (3) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rita Cassia Alvarado - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante., Financiador(es): Fundo Nacional de Saúde Ministério da Saúde - Auxílio financeiro.

  • 2007 - 2009

    Avaliação de novos arcabouços 3D para cultivo de condrócitos provenientes de CTHA, Descrição: Este projeto tem como objetivo a avaliação de novos arcabouços como estrutura 3D para cultivo e diferenciação de CTA em condrócitos. Os arcabouços avaliados são a celulose bacteriana e o gel de plaquetas.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Andrei Moroz - Integrante., Financiador(es): Fundação Para o Aprimoramento Profissional do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 1

  • 2007 - 2008

    Obtenção e Caracterização de anticorpos monoclonais anti-oligofrenina, Descrição: Este projeto tem como objeto a produção de AcMm anti-oligofrenina para uso em imunohistoquímica. A proetína oligofrenina foi produzida pelo metodologia recombinante no Instituto Ludwig de Nova Iorque-EUA.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado profissional: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Renan Padron de Almeida - Integrante., Financiador(es): Instituto Ludwig de Pesquisa sobre o Câncer - Cooperação / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.Número de orientações: 1

  • 1999 - 2003

    Determinação de Valores de Referência para CD4/CD8 em doadores de sangue na região de abrangência do Hemocentro de Botucatu, Descrição: Com o objetivo de nortear o tratamento e o seguimento dos pacientes portadores de aids, em valores de referência nacionais, mais especificamente regionais, o presente trabalho determinou as frequências de CD4/CD8 em doadores de sangue da área de abrangêcia do Hemocentro de Botucatu. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Renata Aparecida Bitteincourt - Integrante / Maura Valério Ikoma - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 1996 - 1999

    Gestão da Qualidade para a Produção de Hemocomponentes no Hemocentro de Botucatu, Descrição: Após workshop realizado no Hemocentro de Botucatu com a participação da clientela interna(funcionários) e externa (doadores de sangue pacientes) ficou estabelecida a prioridade que contemplaria as aspirações técnicas e sociais do Hemocentro. Dentro da análise do programa de qualidade ficaram estabelecidas metas a serem cumpridas: - recuperação das relações interpessoais e melhoria do desempenho da equipe com auxílio de grupos de trabalho cooordenado pela Psicóloga mantida pelo trabalho Sra. Nelci Colino; recuperação da área física do hemocentro e a implantação do sitema informatizado on-line de todo o ciclo do sangue. Toda a parte de infra-estrutura de equipamentos e softwares foram adquiridos dentro deste projeto. Após a aquisição dos equipamentos e software, os 120 funcionários do Hemocentrfo foram treinados em fase denominada customização para a incorporação do atendimento on line. Grandes avanços na melhoria da qualidade do atendimento do doador de sangue, do ambulatório de doadores imunofenotipados, registro do doador de sangue, triagem clínica, laboratórios de imunohematologia, sorologia, componentes lábeis e toda a rotina da agência trnasfusional.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Maria Inês de Moura Campos Pardini - Integrante / Rita de Cássia Alvarado - Integrante., Financiador(es): Financiadora de Estudos e Projetos - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 2

  • 1995 - 1995

    Produção de Anticorpos Monoclonais anti-paracoccidióide Micose, Descrição: Trabalho ralizado em conjunto com o Departamento de Patologia da Faculdade de Medicina de Botucatu e a Faculdade de Farmácia da UNESP Câmpus de Araraquara.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Denise Fecchio - Integrante., Financiador(es): Fundunesp - Bolsa.

  • 1994 - 1998

    Consolidação dos Programas de Biossegurança, Bioética e Qualidade, Descrição: O programa de Biossegurança, Bioética e Qualidade foi obtendo ao longo do tempo consolidação confirmada pelo elevado índice de convites para palestras em outras instituições, inclusive fora do Estado ( Amazonas, Minas Gerais, Santa Catarina etc.). Os registros internos quer de inadequação de serviços e ou produtos se estabelecem e o controle de qualidade de insumos para a área de hemoterapia, pré-compra, bem como aspectos de tecnovigilância com rigoroso controle de equipamentos agora instituídos dentro de programas de manutenção preventiva e não só corretiva.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (4) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Maria Inês de Moura Campos Pardini - Integrante / Valéria Nogueira Dias Paes Secco - Integrante / Rita de Cássia Alvarado - Integrante., Financiador(es): Financiadora de Estudos e Projetos - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 13 / Número de orientações: 1

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de desenvolvimento

  • 2014 - Atual

    NEOFORMAÇÃO ÓSSEA: RETALHO DE GÁLEA E PERIÓSTEO PREENCHIDO COM CÉLULAS TRONCO MESENQUIMAIS. ESTUDO EM COELHO., Descrição: Trata-se do trabalho de doutorado da aluna Ryane Schmidt Brock, orientada do Prof. Fausto Viterbo, sendo que a parte da dissociação, expansão e caracterização das CTM de tecido adiposo são feitas em colaboração com o Laboratório de Engenharia Celular.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (0) Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Fausto Viterbo - Coordenador / Ryane Schmidt Brock - Integrante / Camila Juliane Sena Maleski - Integrante.

  • 2013 - Atual

    TRANSPLANTE TRAQUEAL EM RATOS UTILIZANDO TÉCNICAS DE RECONSTITUIÇÃO DE VIA AÉREA HOMÓLOGA COM CÉLULAS AUTÓLOGAS POR ENGENHARIA TECIDUAL, Descrição: A utilização de matriz extracelular como suporte biológico possui a vantagem e poder ser recelularizada com células do receptor. A recelularização do suporte biológico (matriz extracelular) é realizada por células autólogas cultivadas (epitélio respiratório) e condrócitos. Fundamentados na hipótese de que a reconstituição da via aérea homóloga com células autólogas utilizando-se técnica de engenharia tecidual é exequível, desenhamos um estudo experimental como objetivo de avaliar a viabilidade dos enxertos traqueais descelularizados e recelularizados em um modelo experimental de transplante traqueal em ratos.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristina Evaristo - Integrante / Paulo Francisco Guerreiro Cardoso - Integrante / Paulo Manoel Pego Fernandes - Integrante / Rogério Pazzetti - Integrante / Daniele Cristina Cataneo - Integrante.

  • 2013 - Atual

    ESTUDO DAS PROPRIEDADES VISCOELÁSTICAS DE TRAQUEIAS RECONSTRUÍDAS POR ENGENHARIA DE TECIDOS UTILIZANDO UM AMBIENTE DE AVALIAÇÃO DE MECÂNICA RESPIRATÓRIA POR IMAGEM., Descrição: O presente estudo experimental tem por objetivo avaliar as propriedades mecânicas de traqueias in vitro, comparando o comportamento de traqueias normais de ratos versus traqueias descelularizadas e recelularizadas por engenharia tecidual. Para tal, será utilizado uma nova instrumentação composta de ambiente de processamento de imagens e condicionamento/estimulação de tecidos, desenvolvidos recentemente no Laboratório de Engenharia Biomédica-Escola Politécnica-USP. Tal tecnologia é inédita e as análises preliminares da mecânica de traqueias descelularizadas, recelularizadas e normais, demonstram a capacidade do equipamento em executar as medidas de interesse... , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristine Evaristo - Integrante / Paulo Francisco Guerreiro Cardoso - Integrante / Daniele Cristina Cataneo - Integrante / Henrique Takachi Moriya - Integrante.

  • 2013 - Atual

    AVALIAÇÃO DA REOLOGIA DAS CÉLULAS TRAQUEAIS ISOLADAS ATRAVÉS DA CITOMETRIA MAGNÉTICO ÓPTICA DE OSCILAÇÃO (OMTC), Descrição: A confecção de neotraquéia a partir de engenharia tecidual combina processos de descelularização de aloenxertos traqueais com subsequente recelularização do enxerto. A engenharia de tecidos permite que as traquéias descelularizadas possam ser recelularizadas com condrócitos diferenciados a partir de cultura de células-tronco mesenquimais de tecido adiposo e células epiteliais respiratórias (CERs) obtidas do próprio receptor. Apesar da similaridade do epitélio respiratório e da musculatura lisa produzidos por técnicas de engenharia tecidual, pouco se sabe sobre as possíveis alterações do citoesqueleto destas células geradas em cultura, bem como seu impacto nas propriedades mecânicas intrínsicas da traquéia própriamente dita. O objetivo do presente estudo é o de avaliar-se o comportamento da microreologia celular da traquéia in vitro através da OMTC comparando-se células cultivadas à partir de traquéias normais com células utilizadas para a recelularização traqueal... , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristine Evaristo - Integrante / Paulo Francisco Guerreiro Cardoso - Integrante / Adriano Alencar - Integrante.

  • 2012 - Atual

    Estudo Multicêntrico do uso de Biocurativo no tratamento de feridas crônicas, Descrição: O Laboratório de Engenharia Celular, vem desde 2001 mantendo linha de pesquisa na área de curativos bioativos, denominados de Biocurativos. Atualmente, 3 produtos já foram validados em fase clínica I (humanos) sob aprovação do CONEP. Com o objetivo de avaliar a experiência de outros centros brasileiros com o uso dos produtos aqui desenvolvidos, delineou-se este projeto com a participação de 3 diferentes estados brasileiros.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Coltrim, OS - Integrante., Financiador(es): Fundo Nacional de Saúde Ministério da Saúde - Auxílio financeiro.

  • 2010 - 2012

    IMPLANTE DE CÉLULAS-TRONCO MESESENQUIMAIS AUTÓLOGAS ASSOCIADAS AO PRP EM TENDINITES EXPERIMENTAIS EM EQUINOS, Descrição: A tendinite do flexor digital superficial (TFDS) é uma das lesões mais comuns em eqüinos de alto desempenho, acarretando em uma significante morbidade e grande perda econômica na indústria eqüestre. Existem vários tipos de tratamentos descritos na literatura, que têm contribuído de forma significativa para o restabelecimento da morfo-fisiologia do tendão. No entanto há um campo fértil para inovar e melhorar a qualidade da matriz extracelular da estrutura tendínea. Com o advento da biotecnologia, a medicina regenerativa vem evoluindo significativamente e já existem trabalhos promissores no emprego de terapia celular e implante de plasma rico em plaquetas (PRP) na tendinite eqüina. Este trabalho tem como objetivo o implante autólogo de células-tronco mesenquimais (CTM) derivadas do tecido adiposo associada ao PRP em um dos membros torácicos de eqüinos com TFDS, que será induzida pelo emprego da colagenase. Os animais serão avaliados por parâmetros clínicos, exames de ultrassonografia, doppler-sonografia e após as biópsias a serem realizadas no 40o dia para avaliação do homing celular, ou seja, transporte dessas células do membro implantado (tratado) para o membro contralateral (controle); e no 150o dia do experimento, serão verificadas as características histológicas, imunoistoquímicas e avaliação da expressão gênica tendínea. Resumo em Inglês Objetivos 1. Objetivos gerais 1.1 Avaliação da eficácia da associação das células-tronco mesenquimais derivadas do tecido adiposo e o plasma rico em plaquetas na reparação tecidual do tendão. 1.2 Monitoramento das células-tronco autólogas inoculadas (homing celular), através da expressão das CTM marcadas com nanocristal quantum dot (Qtraker 655®). 2. Objetivos específicos 2.1 Caracterização imunofenotípica da superfície das células-tronco mesenquimais utilizando os marcadores CD44, CD90. 2.2 Avaliação do efeito do tratamento frente a parâmetros clínicos do aparelho locomotor eqüino. 2.3 Avaliação do efeito do tratamento f. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa.

  • 2009 - 2011

    Produção de materiais nanoparticulados para processos baseados em imunocitoquímica, Descrição: PROJETO MULTICENTRICO SOB A COORDENAÇÃO PROF. SIDNEY RIBEIRO: Este projeto tem como meta principal a formação de uma rede internacional multidisciplinar envolvida na formação de mão de obra qualificada na área de nanomateriais com aplicação em medicina (4 doutores, 8 estágios de pós-doutoramento e estágios de estudantes de graduação). Os objetivos intermediários científicos a serem atendidos podem ser definidos como: -preparação de nanopartículas de óxidos de silício, alumínio, polímeros, contendo compostos luminescentes orgânicos e/ou de íons lantanídeos para calibração de citômetros de fluxo; -Validar aumento de vida de prateleira e sustentabilidade do produto sem proteção à luz em comparação com os produtos comerciais; -Isolamento de anticorpos monoclonais (ex. anti-linfócito B, anti-linfocito T, anti-leucócito, anti-mesenquimal) e acoplamento à nanopartículas magnéticas (ex. cobalto) para separação celular por seleção magnética positiva e negativa de populações celulares específicas*; -Desenvolvimento e caracterização de nanopartículas biodegradáveis luminescentes, e nanopartículas contendo quimioterápicos, ambas funcionalizadas por anticorpos monoclonais específicos; -Avaliação da capacidade de internalização de nanopartículas luminescentes funcionalizadas com mAbs anti-linfócitos B; -Estudo dinâmico de morte celular, in vitro, com co-cultivo de linhagem de linfoma B em presença de nanopartículas biodegradáveis funcionalizadas por anticorpos monoclonais anti-linfocitos B e também contendo quimioterápicos; -Realizar o seqüenciamento molecular da região dos clones codificadora das imunoglobulinas de interesse, de modo a se deter a originalidade, característica vinculada à patenteabilidade do produto. * corresponde às atividades a serem desenvolvidas na UNESP-BOTUCATU JUSTIFICATIVA PARA IMPLEMENTAÇÃO DO PROJETO: Este projeto visa a formação de uma rede interdisciplinar envolvendo químicos, físicos, biólogos, engenheiros químicos, biomédicos. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Priscila Murador - Integrante / Flávia Cilene Alves - Integrante / Michele Valério - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.

  • 2009 - 2011

    Proposta de modelo experimental de neotraquéia em coelho utilizando técnicas de engenharia de tecidos, Descrição: Injúrias traqueais são problemas na prática cirúrgica, pois apresentam dificuldades no tratamento. A engenharia tecidual (ET) consiste na regeneração de órgãos, através do recrutamento de tecidos do paciente, dissociados em células que são cultivadas sobre suportes biológicos ou sintéticos, para serem reinseridos no paciente; sendo a única técnica para substituição traqueal que fornece promessa real. A ET já tornou possível a substituição traqueal em paciente que apresentava estenose traqueobrônquica melhorando a qualidade de vida. Assim é possível construir uma neotraquéia com propriedades mecânicas que permitem a fisiologia normal, sem riscos de rejeição, provando que, células autólogas combinadas com biomateriais apropriados podem fornecer soluções funcionais em situações cirúrgicas complexas. O maior desafio é construir por meio de técnicas de ET uma via respiratória funcional que seja uniforme e altamente eficiente na cultura celular na superfície externa e interna da matriz tubular tridimensional, co-cultivando diferentes tipos celulares. Estabelecer um protocolo de modelo experimental de neotraquéia sobre uma estrutura tridimensional autóloga recobrindo-a externamente com o tecido cartilaginoso e internamente com epitélio respiratório é o desafio deste projeto.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado profissional: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Sérgio Felisbino - Integrante / Thaiane Cristina Evaristo - Integrante / Flávia Cilene Alves - Integrante / Raul Ruiz Junior - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa.

  • 2009 - 2011

    Estudo comparativo de Gel de Plaquetas home made versus Hidrocolóide no processo de cicatrização de úlceras crônicas de etiologia venosa, Descrição: A úlcera de extremidades de membros inferiores representa uma patologia com alta incidência e prevalência afetando de 1 a 3% da população nos países em desenvolvimento. A etiologia vascular é a principal causa com 75 a 90% dos casos. A úlcera venosa dos membros inferiores é um problema comum nos países ocidentais, causando significante impacto socioeconômico. Diversos tipos de curativos têm sido desenvolvidos e estão disponíveis no mercado, sendo o acesso aos mesmos, limitado. Entre os diferentes curativos no mercado aqueles com fatores de crescimento usam mediadores biológicos naturais caracterizados como peptídeos com receptores teciduais. O Hemocentro de Botucatu vem desenvolvendo um hemocomponente de uso tópico a partir de produto excedente da pratica transfusional: plasma fresco congelado e concentrado de plaquetas(CP). As moléculas sinalizadoras (fatores de crescimento) solúveis, presentes no CP são integrantes fundamentais da nova apresentação denominada Gel de Plaquetas ou Biogel. Este produto favorece a migração, a proliferação e a diferenciação celular contribuindo para a modulação da resposta cicatricial. Este trabalho se propõe a aprimorar o gel de plaquetas laminar (Biogel), tendo em vista que a degranulação das plaquetas levam à liberação de inúmeros fatores: do aracdonato, prostaglandina PGE2, tromboxano (TXA), fator de agregação plaquetária (PAF), fator de crescimento derivado de plaquetas (PDGF) e vascular endotelial (VEGF) além daqueles derivados de fibroblastos (FGF), fator epidermal (EGF), e do fator transformador de crescimento β (TGF-β). Além de padronizar a dose-aplicação, esta pesquisa propõe comparar o desempenho do Biogel com o Hidrocolóide existente no mercado.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Aun - Integrante / Mariele Gobo - Integrante.

  • 2007 - 2010

    Avaliação de aspectos fisiológicos e cinéticos chaves do cultivo de hibridomas para produção de imunoglobulinas de uso hemoclassificatório, Descrição: : O objetivo desta pesquisa é avaliar as características fisiologicas e cinéticas de três hibridomas visando o desenvolvimento de um bioprocesso para produção otimizada de três anticorpos monoclonais a serem utilizados na tipagem sanguínea pelo sistema ABO, os quais são atualmente importados pelo sistema de saúde Brasileiro. Os hibridomas serão cultivados em escala de laboratório em duas etapas. Na primeira, os cultivos serão realizados em frascos spinner para conhecer várias características fisiológicas dos hibridomas que permitam identificar parâmetros relativos ao cultivo passíveis de melhora como comosião do meio de cultura, temperatura, pH e oxigenação. Numa segunda etapa, tendo melhorado as condições de cultivo dos hibridomas, serão feitos experimentos em biorreator de aprox. 1L para a obtenção de dados sobre cinética de crescimento e de produção dos anticorpos monoclonais. De posse das informações obtidas nas duas etapas será feito uma análise de engenharia de processo para definir estratégias de operação do biorreator que conduzam a altas produtividades dos anticorpos monoclonais que deverão ser validadas em experimentos de cultivo no mesmo biorreator. Os resultados finais obtidos serão utilizados para o delineamento de um bioprocesso para produção em escala piloto de cada anticorpo monoclonal. Os estudos de aumento de escala (industrial) serão deixados para uma pesquisa posterior, uma vez que os custos para este tipo de estudo são bem maiores. Os resultados da pesquisa são do interesse da Empresa Brasileira de Hemoderivados e Biotecnologia (Hemobras), co-participe desta pesquisa.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Suazo, CAT - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2007 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais anti-Taenia Saginata, Descrição: Projeto em parceria com professora Cáris Nunes da UNESP de Araçatuba.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Josy Campanhã Vicentini - Integrante / Caris Maroni - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1

  • 2007 - 2009

    Caracterização de anticorpos monoclonais anti-CD45, Descrição: Este projeto tem como objeto a caracterização e validação de clones anti-CD45 obtidos pelo Laboratório de Engenharia Celular do Hemocentro de Botucatu. A validação realizada tem como objetivo o uso em citometria de fluxo com marcação com isotiocianato de fluoroceína e em imunohistoquímica testando pela tecnologia de Tissue array em colaboração com Departamento de Patologia do HC-FMB/UNESP.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Marjorie de Assis Golim - Integrante / Luciandro Sodré - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 1

  • 2005 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais de Uso Hemoterápico, Descrição: Trata-se da otimização de clones existentes e da produção de novos clones para uso em hemoterapia. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Especialização: (1) / Mestrado profissional: (3) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Marina de Souza - Integrante / Daniel Bassetto Jesuíno - Integrante / Elaine Navarro - Integrante / Aparecida Vitória G. Souza - Integrante., Financiador(es): Agência Nacional de Vigilância Sanitária - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 8

  • 2005 - 2007

    Construção de Área limpa e Laboratório Classificado NB3 para a produção de anticorpos monoclonais anti-RSV, Descrição: A construção de área limpa classificada 10.000 e de um laboratório de contenção de nivel 3 de segurança - NB3 trata-se de uma proposta cooperada dentro do Genoma Vírus financiado pela Fapesp sob a coordenação da Profa. Dra. Maria Inês de Moura Campos Pardini. O Laboratório de Engenharia celular obteve esta área física contemplada dentro do compromisso do desenvolvimento de anticorpos monoclonais anti proteína F do RSV ( vírus sincicial respiratório) responsável por enfermidades graves em crianças no mundo todo. A proposta é a produção do anticorpo monoclonal a partir da proteína F pruduzida por tecnologia recombinante pelo grupo cooperado do Genoma Vírus.. , Situação: Desativado; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (2) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Maria Inês de Moura Campos Pardini - Coordenador / Andrei Moroz - Integrante / Marina de Oliveira - Integrante / Elaine Navarro - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2005 - 2006

    Desenvolvimento de Insumos estratégicos para acompanhamento de pacientes com AIDS - UNESCO, Descrição: Monoclonal antibodies (mAbs) are identical because they were produced by one type of immune cell. Antigen is injected into mice some of the immune system B-cells will turn into plasma cells and start to produce antibodies. B-cells from mice spleen are removed and fused with myeloma tumor cells (NS1) that grow indefinitely in culture originating hybridomas. These are cloned, so that one obtains a number of different colonies, each producing only one type of antibody. When the clone cells are injected in the peritoneal cavity mice, they produce tumors containing an antibody-rich fluid called ascitic fluid. The purpose of the development of these mAbs is for application to the differential diagnosis of B-cell disorders. Patient Cells with B-cell chronic lymphocytic leukemia were immunophenotyping by flow cytometry (FC) for determination of the immunogens (human lymphocyte B - HLB). Peripheral blood mononuclear cells were isolated from whole blood samples using density gradient centrifugation. Twenty-five BALB/c mice were immunized intraperitoneally with HLB. The spleen was removed, a cell suspension produced was fused using polyethylene glycol with NS1/HLB cells and plated out into HAT-selective growth medium. The cultures were incubated for approximately until significant colony growth was apparent. The hybrids supernatant culture that demonstrated a better performance were collected and tested by FC (screening) for the presence of the appropriate mAbs. Cells from positive wells were single-cell cloned. Screening was repeated for the confirmation of the especificity of mAb, proceeded in vivo expansion for attainment from high-titered solution of mAb - ascitic fluid. The cellular fusion resulted in 1248 hybridomas, of which 22 were positive by FC and subsequently cloned resulting 29 clones. These 29 tested by FC staining 20 were strongly positive, so that the clone cells are injected in 100 mice to produced ascitic fluid.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Marjorie de Assis Golim - Integrante / Renata Bittencourt - Integrante / Marina Oliveira - Integrante., Financiador(es): Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais em Hemoterapia, Descrição: O projeto intitulado Produção e Validação de reagentes monoclonais para uso Hemoterápico foi apresentado a Agência Nacional de Vigilância Sanitásria - ANVISA, recebendo parecer favorável tendo sido efetuado convênio com a Fundação para o Desenvolvimento Médico Hospitalar - FAMESP, conênio 030/2004 para o repasse de recursos financeiros que viabilizarão até meados de 2006 o registro de anticorpos monoclonais produzidos e validados no Brasil. Coordenador do Projeto. Alunos envolvidos: Iniciação científica 2, especialização 1 e mestrado 2.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante / Andrei Moroz - Integrante / Carlos Tognolli - Integrante / Débora Botéquio - Integrante., Financiador(es): Agência Nacional de Vigilância Sanitária - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 7 / Número de orientações: 3

  • 2004 - 2008

    Produção e validação de Anticorpos monoclonais de uso Médico, Descrição: Durante o treinamento de recursos humanos de áreas estratégicas do país (Piauí, Acre) identificamos o grave problema de fornecimento de material diagnóstico em pequena quantidade para áreas distantes, muito quentes, cujo forncedor coloca preço proibitivo para os insumos, obrigando muitas vezes o serviço a usar insumos vencidos. Com objetivo de registrar insumos junto à anvisa, propusemos este projeto, cujos produtos obtidos, validados e registrados serão disponibilizados para as áreas brasileiras com menor recursos financeiro, com intuito de garantir uma transfusão eficaz e segura em qualquer ponto de território brasileiro. O projeto foi submetido ao CNPq tendo sido aprovado. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Rita de Cássia Alvarado - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 34 / Número de orientações: 12

  • 2003 - 2010

    Desenvolvimento de cola de fibrina home made para uso tópico, Descrição: Trata-se da obtenção de cola de fibrina a partir de plasma excedente. Este projeto contém etapas intermediárias, entre elas, a fase devalidação do plasma excedente através das determinações de Fatores V, VIII, IX, XIII, fibrinogênio, fibronectina, PDGF e VEGF. Outra etapa configura-se com a purificação da trombina humana. A terceira etapa é a formação da cola de fibrina home made, considerado hemocomponente de uso tópico. Tal hemocomponentes, oiu biocurativo vem sendo aplicado, com a respectiva autorização do CONEP em seres humanos para a cicatrização de feridas crônicas de etiologia venosa.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado profissional: (4) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Danielle Morais - Integrante / Illymach Canedo Ferreira de Araújo - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante., Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 4

  • 2002 - 2004

    Uso de Biocurativo nas úlceras de pressão, Descrição: Produção de biocurativo: constituição de pasta dermatológica modificada e enriquecida com proteínas humanas concentradas oriundas da preparação de crioprecipitado. Esta pasta foi enriquecida com altas concentrações de fibrinogêncio, fibronectina, vit A, flavonóides, Vit. C, entre outros elementos anti-oxidantes e testados em animais e posteriormente à aprovação do Conep, foi usada para a cicatrização de úlceras de pressão em pacientes cujo tratamento clássico não cicatrizava a lesão. Trata-se de obtenção de cola de fibrina home made, de origem integralmente humana.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Marla Andréia Garcia - Integrante / Gilsara Alves - Integrante., Número de orientações: 1

  • 2001 - Atual

    Estruturação ex-vivo de vasos sanguíneos a partir da diferenciação de células tronco de coelhos, Descrição: A doença arterial obstrutiva periférica está presente em 5% da população e em cerca de 20 a 30% dos casos pode evoluir para amputação do membro inferior acometido, mesmo com os tratamentos hoje existentes. Por isso, justifica-se a busca por novas técnicas para controle da evolução da doença. Pesquisas recentes envolvendo células tronco e engenharia celular apontam para um futuro promissor com base na terapêutica regenerativa e substitutiva de tecidos. A terapia celular é um ramo da medicina regenerativa e consiste em três vertentes terapêuticas: condutiva, a qual se refere ao re-estabelecimento autônomo das células através de estímulo externo; indutiva, em que fatores de crescimento são adicionados à célula para que esta se regenere. As células-tronco perfazem a terceira vertente e são utilizadas na terapia celular para regeneração tecidual. O desafio deste estudo está relacionado a terceira vertente acima mencionada, focalizando o aprimoramento das técnicas de engenharia celular, com a finalidade de produzir um substituto arterial autólogo in vitro, utilizando células tronco mesenquimais (CTM) de tecido adiposo de coelho que serão cultivadas sob um ?scaffold?e/ou biomaterial descelularizado. Em seguida, estas CTM serão diferenciadas em tecido endotelial e tecido muscular liso de forma a mimetizar a parede do vaso sanguíneo. Futuramente, esse modelo poderá vir a ser aplicado em enxertos vasculares (by-pass) que atualmente se faz através do uso da veia safena magna autóloga ou com o uso de próteses sintéticas inorgânicos, as quais podem provocar a rejeição. Dessa forma, espera-se contribuir para o desenvolvimento de novas alternativas para o tratamento dos pacientes portadores de insuficiência arterial.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 1999 - 2002

    Produção de Anticorpos Monoclonais Anti-produto de degradação do fibrinogênio/fibrina humano, Descrição: O processo hemostático para a formação do trombo é iniciado um complexo de substância denomiadas ativadores da protrombina que fará a conversão desta em trombina. Por sua vez, a trombina age sobre a molécula de fibrinogênio convertendo-o em fibrina. As novas técnicas de engenharia celulares avançaram muito nas últimas décadas. Entre os avanços destaca-se a produção de anticorpos monoclonais murinos (AcMm) e humanos segundo Köhler e Milstein(1975). Os hemoderivados obtidos através de AcMm possuem uma qualidade inquestionável quanto à pureza sendo a maioria obtida somente no mercado internacional. A obtenção de AcMm contra o produto de degradação fibrinogênio/fibrina humano terá sua utilização nas rotinas laboratoriais contribuindo para o diagnóstico de inúmeras patologias. Camundongos Balb/c foram imunizados com: crioprecipitado ( protocolo ROSOB), fibrinogênio purificado pelo método de Kazal e cols. modificado ( protocolo CRIS), fibrinogênio comercial ( protocolo FIB), fragmento D comercial ( protocolo DIM). As células esplênicas do animal imunizado foram fusionadas com células mielomatosas NS1-1 e os híbridos foram selecionados levando em consideração os apectos genéticos HGPRT negativos do mieloma e positivo das células híbridas. Os anticorpos obtidos foram testados pela técnica ELISA, dot blot, testes de inibição e caractereizados por imunoblotting, sendo que o peso molecular da proteína que cada anticorpo reconhecia foi determinado após análise por imagem comparativa (VDS)-Amersham Pharmacia Biotech. As classes e sub-classes de imunoglobulinas foram determinadas pelo método de imunodifusão radial e confirmadas por citometria de fluxo.A monoclonalidade foi estabelecida pela eletroforese em gel de agarose. Os anticorpos obtidos reconhecem produtos de degradação do fibrionogênio: anti-produto de degradação do fagmento Y ( anticorpo reconhecendo proteínas de PM 50.700 e 40.300 daltos) e anti- fragmento D ( anticorpo reconhecendo proteína de PM= 32.400 dalton.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Cristiane Aparecida Ferino - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 1996 - 2001

    Produção de Anticorpos Monoclonais anti-Fator VIII da coagulação, expansão clonal e domínio da tecnologia de produção em larga escala, Descrição: CONTROLE DE QUALIDADE DE HEMODERIVADOS: QUALIDADE DE VIDA DO HEMOFÍLICO. Deffune, Elenice, Ferreira-Rossi, Rosana, Guimarães, Fátima Regina e Machado, Paulo Eduardo de Abreu. Hemocentro de Botucatu-Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina-UNESP. O desenvolvimento de talentos na área da saúde para o atendimento universal, multiprofissional e de qualidade para os hemofílicos é um dos desafios das últimas décadas.Envolvidos em processos dolorosos mundiais, fruto de utilização de produtos lábeis ou hemoderivados de padrão questionáveis, os hemofílicos foram assolados pelo HIV. O esforço biotecnológico mundial trouxe excelentes resultados obtendo produtos cada vez mais puros, específicos e viro-inativados. No entanto, estes produtos distribuídos no mundo todo, nem sempre tem seu transporte com a cadeia de frios que necessitam e podem ser alterados, prejudicados e mesmo ter total ineficácia terapêutica. Preocupados com a falta de controle pós-compra elaboramos um projeto de produção de anticorpos monoclonais murinos (AcMm) dirigidos contra fator VIII da coagulação com o intuito de obter uma ferramenta tecnológica para controle e validação dos produtos, antes da liberação para uso terapêutico em cada serviço. Os AcMm foram obtidos após a imunização de um grupo de camundongos, por via intraperitoneal, com FVIII natura cuja fonte foi crioprecipitado com intervalo de 21 dias entre as injeções. Após 45 dias retiramos o baço dos animais, recuperamos as células esplênicas e fusionamos as mesmas com células de mieloma murino segundo o método descrito por Köhler & Milstein (1975). Após o processo de fusão, os hibridomas foram distribuídos em placas de cultura e os híbridos viáveis foram retidos e testados quanto à sua especificidade. Os híbridos considerados de alta reatividade foram clonados e estabilizados durante os 4 primeiros meses de cultura, depois expandidos in vitro (cultura) e in vivo.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante., Financiador(es): Financiadora de Estudos e Projetos - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 2

  • 1996 - 1998

    Estudo dos Antígenos Leucocitários Suínos e Tolerização objetivando Xanotransplante., Descrição: A crescente demanda de órgãos para transplantes versus a também crescente dificuldade em obter órgãos para os referidos transplantes tem aumentado a fila de espera, o que tem determinado, só no estado de São Paulo, um grande número de óbitos. Para contribuir com o avanço tecnológico e produzir marcadores que propiciarão no futuro o monitoramento de prováveis órgãos oriundos de animais preparados para transplantes de órgãos, estabelecemos protocolos de obtenção e caracterização de anticorpos monoclonais murinos dirigidos contra antígenos eritrocitários de suínos Large White.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Alexandre Krause - Integrante / Ana Paula Ehrandt Oliveira - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1

  • 1994 - 1998

    Produção de Anticorpos monoclonais dirigidos contra antígenos eritrocitários humanos, Descrição: Utilizando o avanço tecnológico da engenharia celular, implantamos no hemocentro de Botucatu o laboratório de produção de Anticorpos Monoclonais com objetivo claro de produzir insumos para a bancada da hemoterapia. Este objetivo era calcado na c]necessidade do serviço utilizar insumos de origem biotecnológico, mais seguros, mais precisos, porem de alto custo. Tendo em vista o término do contrato com a Universidade, este projeto teve continuidade com a contratação da pesquisadora, pelas regras CLT, para não haver descontinuidade do mesmo. Vários sub-produtos deste projeto inicial dão margem hoje à outras teses de mestrado e doutorado.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (4) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Tânia Rosalem - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 10 / Número de orientações: 6

  • 1994 - 1998

    Expansão clonal de anti-A, anti-B e anti-AB para uso em bancada, Descrição: Após a implantação do Laboratório de produção de anticorpos Monoclonais murinos a Divisão Hemocentro inciou uma nova fase de produção de insumos por biotecnologia. Os anticorpos anti-A, anti-B e anti-AB para a tipagem sangüínea rotineira foi validado por testes em paralelo com duas diferentes fontes comerciais de reagentes, obtendo desempenho superior numa amostragem de mais de 100.000 tipagens sangüíneas. Uma vez validados, entrou-se na fase de expansão clonal e produção de lotes de reagentes para uso interno em bancada, sem comercilização. Desta forma, isentos de registro no Ministério da Saúde.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Fátima Regina Guimarães - Integrante / Tania Rosalem - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 5

  • 1993 - 1994

    Obtenção, Caracterização e Validação de anticorpos monoclonais anti-A, anti-B e anti-AB, Descrição: Em 1992, com a implantação do laboratório de produção de anticorpos monoclonais, a linha mestra de pesquisa ficou estabelecida como sendo a produção de anticorpos monoclonais dirigidos contra antígenos eritrocitários humanos que viessem após a padronização, validação e registro, substituir os reagentes de bancada vigentes naquela época no país, na sua maior parte, de origem policlonal. A origem mencionada dos anticorpos largamente comercializados no país, é humana, o que confrontava e confronta com a constituição federal que proíbe comercialização dos sangue e de seus derivados. Com intuito de obter anticorpos melhores para uso em bancada, respeitar a constituição brasileira e por questões de biossegurança, melhorar a qualidade de vida dos trabalhadores dos laboratórios de imunohematologia, os três mais usados anticorpos de uso imunohematolõgico foram produzidos.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 3

  • 1992 - 1993

    Implantação da Tecnologia de Produção de Anticorpos Monoclonais, Descrição: Depois de mestrado e doutorado na área de biotecnologia aplicada à transfusão, com teses realizadas no Institut National de Transfusion Sanguine de Paris/ Université Pierre et Marie Curie/Paris VI/França, o desafio foi a implantação do laboratório de engenharia celular voltado à produção de anticorpos monoclonais murinos para uso em bancada com fins hemoterápicos. Em meados de abri/maio de 1992 começou a tramitação na universidade para que pudesse me submeter ao concurso para a vaga de pesquisadora. Tão logo isto foi possível, com o despacho do reitor publicado 27/5/1992, processo 1011-92-FM-Bo, dei início à implantação dom referido laboratório. Inicialmente realizei uma auditoria para analisar as práticas laboratoriais e as condições de biossegurança e técnicas. Esta auditoria levou à implantação do grupo, que posteriormente se tornou Comitê de Biossegurança, Qualidade e Bioética, para a padronização dos procedimentos e adequação dentro de padrões interncaionais de qualidade. A grande dificuldade incial foi a aquisição de nitrogênio líquido para a manutenção dos clones a serem produzidos. Em dezembro de 1992 consegui obter o primeiro sucesso em cultura celular, após vários problemas, todos ligados às deficiêcnias de infra-estrutura e treinamentoi de equipe. O investimento inicial para equipar o laboratório vieram fundamentalmente da Secretaria Estadual de Saúde e FINEP.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (4) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Tânia Rosalem - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2014 - Atual

    NEOFORMAÇÃO ÓSSEA: RETALHO DE GÁLEA E PERIÓSTEO PREENCHIDO COM CÉLULAS TRONCO MESENQUIMAIS. ESTUDO EM COELHO., Descrição: Trata-se do trabalho de doutorado da aluna Ryane Schmidt Brock, orientada do Prof. Fausto Viterbo, sendo que a parte da dissociação, expansão e caracterização das CTM de tecido adiposo são feitas em colaboração com o Laboratório de Engenharia Celular.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (0) Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Fausto Viterbo - Coordenador / Ryane Schmidt Brock - Integrante / Camila Juliane Sena Maleski - Integrante.

  • 2013 - Atual

    TRANSPLANTE TRAQUEAL EM RATOS UTILIZANDO TÉCNICAS DE RECONSTITUIÇÃO DE VIA AÉREA HOMÓLOGA COM CÉLULAS AUTÓLOGAS POR ENGENHARIA TECIDUAL, Descrição: A utilização de matriz extracelular como suporte biológico possui a vantagem e poder ser recelularizada com células do receptor. A recelularização do suporte biológico (matriz extracelular) é realizada por células autólogas cultivadas (epitélio respiratório) e condrócitos. Fundamentados na hipótese de que a reconstituição da via aérea homóloga com células autólogas utilizando-se técnica de engenharia tecidual é exequível, desenhamos um estudo experimental como objetivo de avaliar a viabilidade dos enxertos traqueais descelularizados e recelularizados em um modelo experimental de transplante traqueal em ratos.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristina Evaristo - Integrante / Paulo Francisco Guerreiro Cardoso - Integrante / Paulo Manoel Pego Fernandes - Integrante / Rogério Pazzetti - Integrante / Daniele Cristina Cataneo - Integrante.

  • 2013 - Atual

    ESTUDO DAS PROPRIEDADES VISCOELÁSTICAS DE TRAQUEIAS RECONSTRUÍDAS POR ENGENHARIA DE TECIDOS UTILIZANDO UM AMBIENTE DE AVALIAÇÃO DE MECÂNICA RESPIRATÓRIA POR IMAGEM., Descrição: O presente estudo experimental tem por objetivo avaliar as propriedades mecânicas de traqueias in vitro, comparando o comportamento de traqueias normais de ratos versus traqueias descelularizadas e recelularizadas por engenharia tecidual. Para tal, será utilizado uma nova instrumentação composta de ambiente de processamento de imagens e condicionamento/estimulação de tecidos, desenvolvidos recentemente no Laboratório de Engenharia Biomédica-Escola Politécnica-USP. Tal tecnologia é inédita e as análises preliminares da mecânica de traqueias descelularizadas, recelularizadas e normais, demonstram a capacidade do equipamento em executar as medidas de interesse... , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristine Evaristo - Integrante / Paulo Francisco Guerreiro Cardoso - Integrante / Daniele Cristina Cataneo - Integrante / Henrique Takachi Moriya - Integrante.

  • 2013 - Atual

    AVALIAÇÃO DA REOLOGIA DAS CÉLULAS TRAQUEAIS ISOLADAS ATRAVÉS DA CITOMETRIA MAGNÉTICO ÓPTICA DE OSCILAÇÃO (OMTC), Descrição: A confecção de neotraquéia a partir de engenharia tecidual combina processos de descelularização de aloenxertos traqueais com subsequente recelularização do enxerto. A engenharia de tecidos permite que as traquéias descelularizadas possam ser recelularizadas com condrócitos diferenciados a partir de cultura de células-tronco mesenquimais de tecido adiposo e células epiteliais respiratórias (CERs) obtidas do próprio receptor. Apesar da similaridade do epitélio respiratório e da musculatura lisa produzidos por técnicas de engenharia tecidual, pouco se sabe sobre as possíveis alterações do citoesqueleto destas células geradas em cultura, bem como seu impacto nas propriedades mecânicas intrínsicas da traquéia própriamente dita. O objetivo do presente estudo é o de avaliar-se o comportamento da microreologia celular da traquéia in vitro através da OMTC comparando-se células cultivadas à partir de traquéias normais com células utilizadas para a recelularização traqueal... , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristine Evaristo - Integrante / Paulo Francisco Guerreiro Cardoso - Integrante / Adriano Alencar - Integrante.

  • 2012 - Atual

    Estudo Multicêntrico do uso de Biocurativo no tratamento de feridas crônicas, Descrição: O Laboratório de Engenharia Celular, vem desde 2001 mantendo linha de pesquisa na área de curativos bioativos, denominados de Biocurativos. Atualmente, 3 produtos já foram validados em fase clínica I (humanos) sob aprovação do CONEP. Com o objetivo de avaliar a experiência de outros centros brasileiros com o uso dos produtos aqui desenvolvidos, delineou-se este projeto com a participação de 3 diferentes estados brasileiros.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Coltrim, OS - Integrante., Financiador(es): Fundo Nacional de Saúde Ministério da Saúde - Auxílio financeiro.

  • 2010 - 2012

    IMPLANTE DE CÉLULAS-TRONCO MESESENQUIMAIS AUTÓLOGAS ASSOCIADAS AO PRP EM TENDINITES EXPERIMENTAIS EM EQUINOS, Descrição: A tendinite do flexor digital superficial (TFDS) é uma das lesões mais comuns em eqüinos de alto desempenho, acarretando em uma significante morbidade e grande perda econômica na indústria eqüestre. Existem vários tipos de tratamentos descritos na literatura, que têm contribuído de forma significativa para o restabelecimento da morfo-fisiologia do tendão. No entanto há um campo fértil para inovar e melhorar a qualidade da matriz extracelular da estrutura tendínea. Com o advento da biotecnologia, a medicina regenerativa vem evoluindo significativamente e já existem trabalhos promissores no emprego de terapia celular e implante de plasma rico em plaquetas (PRP) na tendinite eqüina. Este trabalho tem como objetivo o implante autólogo de células-tronco mesenquimais (CTM) derivadas do tecido adiposo associada ao PRP em um dos membros torácicos de eqüinos com TFDS, que será induzida pelo emprego da colagenase. Os animais serão avaliados por parâmetros clínicos, exames de ultrassonografia, doppler-sonografia e após as biópsias a serem realizadas no 40o dia para avaliação do homing celular, ou seja, transporte dessas células do membro implantado (tratado) para o membro contralateral (controle); e no 150o dia do experimento, serão verificadas as características histológicas, imunoistoquímicas e avaliação da expressão gênica tendínea. Resumo em Inglês Objetivos 1. Objetivos gerais 1.1 Avaliação da eficácia da associação das células-tronco mesenquimais derivadas do tecido adiposo e o plasma rico em plaquetas na reparação tecidual do tendão. 1.2 Monitoramento das células-tronco autólogas inoculadas (homing celular), através da expressão das CTM marcadas com nanocristal quantum dot (Qtraker 655®). 2. Objetivos específicos 2.1 Caracterização imunofenotípica da superfície das células-tronco mesenquimais utilizando os marcadores CD44, CD90. 2.2 Avaliação do efeito do tratamento frente a parâmetros clínicos do aparelho locomotor eqüino. 2.3 Avaliação do efeito do tratamento f. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2011

    Produção de materiais nanoparticulados para processos baseados em imunocitoquímica, Descrição: PROJETO MULTICENTRICO SOB A COORDENAÇÃO PROF. SIDNEY RIBEIRO: Este projeto tem como meta principal a formação de uma rede internacional multidisciplinar envolvida na formação de mão de obra qualificada na área de nanomateriais com aplicação em medicina (4 doutores, 8 estágios de pós-doutoramento e estágios de estudantes de graduação). Os objetivos intermediários científicos a serem atendidos podem ser definidos como: -preparação de nanopartículas de óxidos de silício, alumínio, polímeros, contendo compostos luminescentes orgânicos e/ou de íons lantanídeos para calibração de citômetros de fluxo; -Validar aumento de vida de prateleira e sustentabilidade do produto sem proteção à luz em comparação com os produtos comerciais; -Isolamento de anticorpos monoclonais (ex. anti-linfócito B, anti-linfocito T, anti-leucócito, anti-mesenquimal) e acoplamento à nanopartículas magnéticas (ex. cobalto) para separação celular por seleção magnética positiva e negativa de populações celulares específicas*; -Desenvolvimento e caracterização de nanopartículas biodegradáveis luminescentes, e nanopartículas contendo quimioterápicos, ambas funcionalizadas por anticorpos monoclonais específicos; -Avaliação da capacidade de internalização de nanopartículas luminescentes funcionalizadas com mAbs anti-linfócitos B; -Estudo dinâmico de morte celular, in vitro, com co-cultivo de linhagem de linfoma B em presença de nanopartículas biodegradáveis funcionalizadas por anticorpos monoclonais anti-linfocitos B e também contendo quimioterápicos; -Realizar o seqüenciamento molecular da região dos clones codificadora das imunoglobulinas de interesse, de modo a se deter a originalidade, característica vinculada à patenteabilidade do produto. * corresponde às atividades a serem desenvolvidas na UNESP-BOTUCATU JUSTIFICATIVA PARA IMPLEMENTAÇÃO DO PROJETO: Este projeto visa a formação de uma rede interdisciplinar envolvendo químicos, físicos, biólogos, engenheiros químicos, biomédicos. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Priscila Murador - Integrante / Flávia Cilene Alves - Integrante / Michele Valério - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.

  • 2009 - 2011

    Proposta de modelo experimental de neotraquéia em coelho utilizando técnicas de engenharia de tecidos, Descrição: Injúrias traqueais são problemas na prática cirúrgica, pois apresentam dificuldades no tratamento. A engenharia tecidual (ET) consiste na regeneração de órgãos, através do recrutamento de tecidos do paciente, dissociados em células que são cultivadas sobre suportes biológicos ou sintéticos, para serem reinseridos no paciente; sendo a única técnica para substituição traqueal que fornece promessa real. A ET já tornou possível a substituição traqueal em paciente que apresentava estenose traqueobrônquica melhorando a qualidade de vida. Assim é possível construir uma neotraquéia com propriedades mecânicas que permitem a fisiologia normal, sem riscos de rejeição, provando que, células autólogas combinadas com biomateriais apropriados podem fornecer soluções funcionais em situações cirúrgicas complexas. O maior desafio é construir por meio de técnicas de ET uma via respiratória funcional que seja uniforme e altamente eficiente na cultura celular na superfície externa e interna da matriz tubular tridimensional, co-cultivando diferentes tipos celulares. Estabelecer um protocolo de modelo experimental de neotraquéia sobre uma estrutura tridimensional autóloga recobrindo-a externamente com o tecido cartilaginoso e internamente com epitélio respiratório é o desafio deste projeto.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado profissional: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Sérgio Felisbino - Integrante / Thaiane Cristina Evaristo - Integrante / Flávia Cilene Alves - Integrante / Raul Ruiz Junior - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa.

  • 2009 - 2011

    Estudo comparativo de Gel de Plaquetas home made versus Hidrocolóide no processo de cicatrização de úlceras crônicas de etiologia venosa, Descrição: A úlcera de extremidades de membros inferiores representa uma patologia com alta incidência e prevalência afetando de 1 a 3% da população nos países em desenvolvimento. A etiologia vascular é a principal causa com 75 a 90% dos casos. A úlcera venosa dos membros inferiores é um problema comum nos países ocidentais, causando significante impacto socioeconômico. Diversos tipos de curativos têm sido desenvolvidos e estão disponíveis no mercado, sendo o acesso aos mesmos, limitado. Entre os diferentes curativos no mercado aqueles com fatores de crescimento usam mediadores biológicos naturais caracterizados como peptídeos com receptores teciduais. O Hemocentro de Botucatu vem desenvolvendo um hemocomponente de uso tópico a partir de produto excedente da pratica transfusional: plasma fresco congelado e concentrado de plaquetas(CP). As moléculas sinalizadoras (fatores de crescimento) solúveis, presentes no CP são integrantes fundamentais da nova apresentação denominada Gel de Plaquetas ou Biogel. Este produto favorece a migração, a proliferação e a diferenciação celular contribuindo para a modulação da resposta cicatricial. Este trabalho se propõe a aprimorar o gel de plaquetas laminar (Biogel), tendo em vista que a degranulação das plaquetas levam à liberação de inúmeros fatores: do aracdonato, prostaglandina PGE2, tromboxano (TXA), fator de agregação plaquetária (PAF), fator de crescimento derivado de plaquetas (PDGF) e vascular endotelial (VEGF) além daqueles derivados de fibroblastos (FGF), fator epidermal (EGF), e do fator transformador de crescimento β (TGF-β). Além de padronizar a dose-aplicação, esta pesquisa propõe comparar o desempenho do Biogel com o Hidrocolóide existente no mercado.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Aun - Integrante / Mariele Gobo - Integrante.

  • 2007 - 2010

    Avaliação de aspectos fisiológicos e cinéticos chaves do cultivo de hibridomas para produção de imunoglobulinas de uso hemoclassificatório, Descrição: : O objetivo desta pesquisa é avaliar as características fisiologicas e cinéticas de três hibridomas visando o desenvolvimento de um bioprocesso para produção otimizada de três anticorpos monoclonais a serem utilizados na tipagem sanguínea pelo sistema ABO, os quais são atualmente importados pelo sistema de saúde Brasileiro. Os hibridomas serão cultivados em escala de laboratório em duas etapas. Na primeira, os cultivos serão realizados em frascos spinner para conhecer várias características fisiológicas dos hibridomas que permitam identificar parâmetros relativos ao cultivo passíveis de melhora como comosião do meio de cultura, temperatura, pH e oxigenação. Numa segunda etapa, tendo melhorado as condições de cultivo dos hibridomas, serão feitos experimentos em biorreator de aprox. 1L para a obtenção de dados sobre cinética de crescimento e de produção dos anticorpos monoclonais. De posse das informações obtidas nas duas etapas será feito uma análise de engenharia de processo para definir estratégias de operação do biorreator que conduzam a altas produtividades dos anticorpos monoclonais que deverão ser validadas em experimentos de cultivo no mesmo biorreator. Os resultados finais obtidos serão utilizados para o delineamento de um bioprocesso para produção em escala piloto de cada anticorpo monoclonal. Os estudos de aumento de escala (industrial) serão deixados para uma pesquisa posterior, uma vez que os custos para este tipo de estudo são bem maiores. Os resultados da pesquisa são do interesse da Empresa Brasileira de Hemoderivados e Biotecnologia (Hemobras), co-participe desta pesquisa.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Suazo, CAT - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2007 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais anti-Taenia Saginata, Descrição: Projeto em parceria com professora Cáris Nunes da UNESP de Araçatuba.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Josy Campanhã Vicentini - Integrante / Caris Maroni - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1

  • 2007 - 2009

    Caracterização de anticorpos monoclonais anti-CD45, Descrição: Este projeto tem como objeto a caracterização e validação de clones anti-CD45 obtidos pelo Laboratório de Engenharia Celular do Hemocentro de Botucatu. A validação realizada tem como objetivo o uso em citometria de fluxo com marcação com isotiocianato de fluoroceína e em imunohistoquímica testando pela tecnologia de Tissue array em colaboração com Departamento de Patologia do HC-FMB/UNESP.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Marjorie de Assis Golim - Integrante / Luciandro Sodré - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 1

  • 2005 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais de Uso Hemoterápico, Descrição: Trata-se da otimização de clones existentes e da produção de novos clones para uso em hemoterapia. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Especialização: (1) / Mestrado profissional: (3) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Marina de Souza - Integrante / Daniel Bassetto Jesuíno - Integrante / Elaine Navarro - Integrante / Aparecida Vitória G. Souza - Integrante., Financiador(es): Agência Nacional de Vigilância Sanitária - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 8

  • 2005 - 2007

    Construção de Área limpa e Laboratório Classificado NB3 para a produção de anticorpos monoclonais anti-RSV, Descrição: A construção de área limpa classificada 10.000 e de um laboratório de contenção de nivel 3 de segurança - NB3 trata-se de uma proposta cooperada dentro do Genoma Vírus financiado pela Fapesp sob a coordenação da Profa. Dra. Maria Inês de Moura Campos Pardini. O Laboratório de Engenharia celular obteve esta área física contemplada dentro do compromisso do desenvolvimento de anticorpos monoclonais anti proteína F do RSV ( vírus sincicial respiratório) responsável por enfermidades graves em crianças no mundo todo. A proposta é a produção do anticorpo monoclonal a partir da proteína F pruduzida por tecnologia recombinante pelo grupo cooperado do Genoma Vírus.. , Situação: Desativado; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (2) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Maria Inês de Moura Campos Pardini - Coordenador / Andrei Moroz - Integrante / Marina de Oliveira - Integrante / Elaine Navarro - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2005 - 2006

    Desenvolvimento de Insumos estratégicos para acompanhamento de pacientes com AIDS - UNESCO, Descrição: Monoclonal antibodies (mAbs) are identical because they were produced by one type of immune cell. Antigen is injected into mice some of the immune system B-cells will turn into plasma cells and start to produce antibodies. B-cells from mice spleen are removed and fused with myeloma tumor cells (NS1) that grow indefinitely in culture originating hybridomas. These are cloned, so that one obtains a number of different colonies, each producing only one type of antibody. When the clone cells are injected in the peritoneal cavity mice, they produce tumors containing an antibody-rich fluid called ascitic fluid. The purpose of the development of these mAbs is for application to the differential diagnosis of B-cell disorders. Patient Cells with B-cell chronic lymphocytic leukemia were immunophenotyping by flow cytometry (FC) for determination of the immunogens (human lymphocyte B - HLB). Peripheral blood mononuclear cells were isolated from whole blood samples using density gradient centrifugation. Twenty-five BALB/c mice were immunized intraperitoneally with HLB. The spleen was removed, a cell suspension produced was fused using polyethylene glycol with NS1/HLB cells and plated out into HAT-selective growth medium. The cultures were incubated for approximately until significant colony growth was apparent. The hybrids supernatant culture that demonstrated a better performance were collected and tested by FC (screening) for the presence of the appropriate mAbs. Cells from positive wells were single-cell cloned. Screening was repeated for the confirmation of the especificity of mAb, proceeded in vivo expansion for attainment from high-titered solution of mAb - ascitic fluid. The cellular fusion resulted in 1248 hybridomas, of which 22 were positive by FC and subsequently cloned resulting 29 clones. These 29 tested by FC staining 20 were strongly positive, so that the clone cells are injected in 100 mice to produced ascitic fluid.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Marjorie de Assis Golim - Integrante / Renata Bittencourt - Integrante / Marina Oliveira - Integrante., Financiador(es): Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais em Hemoterapia, Descrição: O projeto intitulado Produção e Validação de reagentes monoclonais para uso Hemoterápico foi apresentado a Agência Nacional de Vigilância Sanitásria - ANVISA, recebendo parecer favorável tendo sido efetuado convênio com a Fundação para o Desenvolvimento Médico Hospitalar - FAMESP, conênio 030/2004 para o repasse de recursos financeiros que viabilizarão até meados de 2006 o registro de anticorpos monoclonais produzidos e validados no Brasil. Coordenador do Projeto. Alunos envolvidos: Iniciação científica 2, especialização 1 e mestrado 2.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante / Andrei Moroz - Integrante / Carlos Tognolli - Integrante / Débora Botéquio - Integrante., Financiador(es): Agência Nacional de Vigilância Sanitária - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 7 / Número de orientações: 3

  • 2004 - 2008

    Produção e validação de Anticorpos monoclonais de uso Médico, Descrição: Durante o treinamento de recursos humanos de áreas estratégicas do país (Piauí, Acre) identificamos o grave problema de fornecimento de material diagnóstico em pequena quantidade para áreas distantes, muito quentes, cujo forncedor coloca preço proibitivo para os insumos, obrigando muitas vezes o serviço a usar insumos vencidos. Com objetivo de registrar insumos junto à anvisa, propusemos este projeto, cujos produtos obtidos, validados e registrados serão disponibilizados para as áreas brasileiras com menor recursos financeiro, com intuito de garantir uma transfusão eficaz e segura em qualquer ponto de território brasileiro. O projeto foi submetido ao CNPq tendo sido aprovado. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Rita de Cássia Alvarado - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 34 / Número de orientações: 12

  • 2003 - 2010

    Desenvolvimento de cola de fibrina home made para uso tópico, Descrição: Trata-se da obtenção de cola de fibrina a partir de plasma excedente. Este projeto contém etapas intermediárias, entre elas, a fase devalidação do plasma excedente através das determinações de Fatores V, VIII, IX, XIII, fibrinogênio, fibronectina, PDGF e VEGF. Outra etapa configura-se com a purificação da trombina humana. A terceira etapa é a formação da cola de fibrina home made, considerado hemocomponente de uso tópico. Tal hemocomponentes, oiu biocurativo vem sendo aplicado, com a respectiva autorização do CONEP em seres humanos para a cicatrização de feridas crônicas de etiologia venosa.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado profissional: (4) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Danielle Morais - Integrante / Illymach Canedo Ferreira de Araújo - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante., Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 4

  • 2002 - 2004

    Uso de Biocurativo nas úlceras de pressão, Descrição: Produção de biocurativo: constituição de pasta dermatológica modificada e enriquecida com proteínas humanas concentradas oriundas da preparação de crioprecipitado. Esta pasta foi enriquecida com altas concentrações de fibrinogêncio, fibronectina, vit A, flavonóides, Vit. C, entre outros elementos anti-oxidantes e testados em animais e posteriormente à aprovação do Conep, foi usada para a cicatrização de úlceras de pressão em pacientes cujo tratamento clássico não cicatrizava a lesão. Trata-se de obtenção de cola de fibrina home made, de origem integralmente humana.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Marla Andréia Garcia - Integrante / Gilsara Alves - Integrante., Número de orientações: 1

  • 2001 - Atual

    Estruturação ex-vivo de vasos sanguíneos a partir da diferenciação de células tronco de coelhos, Descrição: A doença arterial obstrutiva periférica está presente em 5% da população e em cerca de 20 a 30% dos casos pode evoluir para amputação do membro inferior acometido, mesmo com os tratamentos hoje existentes. Por isso, justifica-se a busca por novas técnicas para controle da evolução da doença. Pesquisas recentes envolvendo células tronco e engenharia celular apontam para um futuro promissor com base na terapêutica regenerativa e substitutiva de tecidos. A terapia celular é um ramo da medicina regenerativa e consiste em três vertentes terapêuticas: condutiva, a qual se refere ao re-estabelecimento autônomo das células através de estímulo externo; indutiva, em que fatores de crescimento são adicionados à célula para que esta se regenere. As células-tronco perfazem a terceira vertente e são utilizadas na terapia celular para regeneração tecidual. O desafio deste estudo está relacionado a terceira vertente acima mencionada, focalizando o aprimoramento das técnicas de engenharia celular, com a finalidade de produzir um substituto arterial autólogo in vitro, utilizando células tronco mesenquimais (CTM) de tecido adiposo de coelho que serão cultivadas sob um ?scaffold?e/ou biomaterial descelularizado. Em seguida, estas CTM serão diferenciadas em tecido endotelial e tecido muscular liso de forma a mimetizar a parede do vaso sanguíneo. Futuramente, esse modelo poderá vir a ser aplicado em enxertos vasculares (by-pass) que atualmente se faz através do uso da veia safena magna autóloga ou com o uso de próteses sintéticas inorgânicos, as quais podem provocar a rejeição. Dessa forma, espera-se contribuir para o desenvolvimento de novas alternativas para o tratamento dos pacientes portadores de insuficiência arterial.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 1999 - 2002

    Produção de Anticorpos Monoclonais Anti-produto de degradação do fibrinogênio/fibrina humano, Descrição: O processo hemostático para a formação do trombo é iniciado um complexo de substância denomiadas ativadores da protrombina que fará a conversão desta em trombina. Por sua vez, a trombina age sobre a molécula de fibrinogênio convertendo-o em fibrina. As novas técnicas de engenharia celulares avançaram muito nas últimas décadas. Entre os avanços destaca-se a produção de anticorpos monoclonais murinos (AcMm) e humanos segundo Köhler e Milstein(1975). Os hemoderivados obtidos através de AcMm possuem uma qualidade inquestionável quanto à pureza sendo a maioria obtida somente no mercado internacional. A obtenção de AcMm contra o produto de degradação fibrinogênio/fibrina humano terá sua utilização nas rotinas laboratoriais contribuindo para o diagnóstico de inúmeras patologias. Camundongos Balb/c foram imunizados com: crioprecipitado ( protocolo ROSOB), fibrinogênio purificado pelo método de Kazal e cols. modificado ( protocolo CRIS), fibrinogênio comercial ( protocolo FIB), fragmento D comercial ( protocolo DIM). As células esplênicas do animal imunizado foram fusionadas com células mielomatosas NS1-1 e os híbridos foram selecionados levando em consideração os apectos genéticos HGPRT negativos do mieloma e positivo das células híbridas. Os anticorpos obtidos foram testados pela técnica ELISA, dot blot, testes de inibição e caractereizados por imunoblotting, sendo que o peso molecular da proteína que cada anticorpo reconhecia foi determinado após análise por imagem comparativa (VDS)-Amersham Pharmacia Biotech. As classes e sub-classes de imunoglobulinas foram determinadas pelo método de imunodifusão radial e confirmadas por citometria de fluxo.A monoclonalidade foi estabelecida pela eletroforese em gel de agarose. Os anticorpos obtidos reconhecem produtos de degradação do fibrionogênio: anti-produto de degradação do fagmento Y ( anticorpo reconhecendo proteínas de PM 50.700 e 40.300 daltos) e anti- fragmento D ( anticorpo reconhecendo proteína de PM= 32.400 dalton.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Cristiane Aparecida Ferino - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 1996 - 2001

    Produção de Anticorpos Monoclonais anti-Fator VIII da coagulação, expansão clonal e domínio da tecnologia de produção em larga escala, Descrição: CONTROLE DE QUALIDADE DE HEMODERIVADOS: QUALIDADE DE VIDA DO HEMOFÍLICO. Deffune, Elenice, Ferreira-Rossi, Rosana, Guimarães, Fátima Regina e Machado, Paulo Eduardo de Abreu. Hemocentro de Botucatu-Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina-UNESP. O desenvolvimento de talentos na área da saúde para o atendimento universal, multiprofissional e de qualidade para os hemofílicos é um dos desafios das últimas décadas.Envolvidos em processos dolorosos mundiais, fruto de utilização de produtos lábeis ou hemoderivados de padrão questionáveis, os hemofílicos foram assolados pelo HIV. O esforço biotecnológico mundial trouxe excelentes resultados obtendo produtos cada vez mais puros, específicos e viro-inativados. No entanto, estes produtos distribuídos no mundo todo, nem sempre tem seu transporte com a cadeia de frios que necessitam e podem ser alterados, prejudicados e mesmo ter total ineficácia terapêutica. Preocupados com a falta de controle pós-compra elaboramos um projeto de produção de anticorpos monoclonais murinos (AcMm) dirigidos contra fator VIII da coagulação com o intuito de obter uma ferramenta tecnológica para controle e validação dos produtos, antes da liberação para uso terapêutico em cada serviço. Os AcMm foram obtidos após a imunização de um grupo de camundongos, por via intraperitoneal, com FVIII natura cuja fonte foi crioprecipitado com intervalo de 21 dias entre as injeções. Após 45 dias retiramos o baço dos animais, recuperamos as células esplênicas e fusionamos as mesmas com células de mieloma murino segundo o método descrito por Köhler & Milstein (1975). Após o processo de fusão, os hibridomas foram distribuídos em placas de cultura e os híbridos viáveis foram retidos e testados quanto à sua especificidade. Os híbridos considerados de alta reatividade foram clonados e estabilizados durante os 4 primeiros meses de cultura, depois expandidos in vitro (cultura) e in vivo.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante., Financiador(es): Financiadora de Estudos e Projetos - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 2

  • 1996 - 1998

    Estudo dos Antígenos Leucocitários Suínos e Tolerização objetivando Xanotransplante., Descrição: A crescente demanda de órgãos para transplantes versus a também crescente dificuldade em obter órgãos para os referidos transplantes tem aumentado a fila de espera, o que tem determinado, só no estado de São Paulo, um grande número de óbitos. Para contribuir com o avanço tecnológico e produzir marcadores que propiciarão no futuro o monitoramento de prováveis órgãos oriundos de animais preparados para transplantes de órgãos, estabelecemos protocolos de obtenção e caracterização de anticorpos monoclonais murinos dirigidos contra antígenos eritrocitários de suínos Large White.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Alexandre Krause - Integrante / Ana Paula Ehrandt Oliveira - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1

  • 1994 - 1998

    Produção de Anticorpos monoclonais dirigidos contra antígenos eritrocitários humanos, Descrição: Utilizando o avanço tecnológico da engenharia celular, implantamos no hemocentro de Botucatu o laboratório de produção de Anticorpos Monoclonais com objetivo claro de produzir insumos para a bancada da hemoterapia. Este objetivo era calcado na c]necessidade do serviço utilizar insumos de origem biotecnológico, mais seguros, mais precisos, porem de alto custo. Tendo em vista o término do contrato com a Universidade, este projeto teve continuidade com a contratação da pesquisadora, pelas regras CLT, para não haver descontinuidade do mesmo. Vários sub-produtos deste projeto inicial dão margem hoje à outras teses de mestrado e doutorado.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (4) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Tânia Rosalem - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 10 / Número de orientações: 6

  • 1994 - 1998

    Expansão clonal de anti-A, anti-B e anti-AB para uso em bancada, Descrição: Após a implantação do Laboratório de produção de anticorpos Monoclonais murinos a Divisão Hemocentro inciou uma nova fase de produção de insumos por biotecnologia. Os anticorpos anti-A, anti-B e anti-AB para a tipagem sangüínea rotineira foi validado por testes em paralelo com duas diferentes fontes comerciais de reagentes, obtendo desempenho superior numa amostragem de mais de 100.000 tipagens sangüíneas. Uma vez validados, entrou-se na fase de expansão clonal e produção de lotes de reagentes para uso interno em bancada, sem comercilização. Desta forma, isentos de registro no Ministério da Saúde.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Fátima Regina Guimarães - Integrante / Tania Rosalem - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 5

  • 1993 - 1994

    Obtenção, Caracterização e Validação de anticorpos monoclonais anti-A, anti-B e anti-AB, Descrição: Em 1992, com a implantação do laboratório de produção de anticorpos monoclonais, a linha mestra de pesquisa ficou estabelecida como sendo a produção de anticorpos monoclonais dirigidos contra antígenos eritrocitários humanos que viessem após a padronização, validação e registro, substituir os reagentes de bancada vigentes naquela época no país, na sua maior parte, de origem policlonal. A origem mencionada dos anticorpos largamente comercializados no país, é humana, o que confrontava e confronta com a constituição federal que proíbe comercialização dos sangue e de seus derivados. Com intuito de obter anticorpos melhores para uso em bancada, respeitar a constituição brasileira e por questões de biossegurança, melhorar a qualidade de vida dos trabalhadores dos laboratórios de imunohematologia, os três mais usados anticorpos de uso imunohematolõgico foram produzidos.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 3

  • 1992 - 1993

    Implantação da Tecnologia de Produção de Anticorpos Monoclonais, Descrição: Depois de mestrado e doutorado na área de biotecnologia aplicada à transfusão, com teses realizadas no Institut National de Transfusion Sanguine de Paris/ Université Pierre et Marie Curie/Paris VI/França, o desafio foi a implantação do laboratório de engenharia celular voltado à produção de anticorpos monoclonais murinos para uso em bancada com fins hemoterápicos. Em meados de abri/maio de 1992 começou a tramitação na universidade para que pudesse me submeter ao concurso para a vaga de pesquisadora. Tão logo isto foi possível, com o despacho do reitor publicado 27/5/1992, processo 1011-92-FM-Bo, dei início à implantação dom referido laboratório. Inicialmente realizei uma auditoria para analisar as práticas laboratoriais e as condições de biossegurança e técnicas. Esta auditoria levou à implantação do grupo, que posteriormente se tornou Comitê de Biossegurança, Qualidade e Bioética, para a padronização dos procedimentos e adequação dentro de padrões interncaionais de qualidade. A grande dificuldade incial foi a aquisição de nitrogênio líquido para a manutenção dos clones a serem produzidos. Em dezembro de 1992 consegui obter o primeiro sucesso em cultura celular, após vários problemas, todos ligados às deficiêcnias de infra-estrutura e treinamentoi de equipe. O investimento inicial para equipar o laboratório vieram fundamentalmente da Secretaria Estadual de Saúde e FINEP.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (4) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Tânia Rosalem - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2014 - Atual

    NEOFORMAÇÃO ÓSSEA: RETALHO DE GÁLEA E PERIÓSTEO PREENCHIDO COM CÉLULAS TRONCO MESENQUIMAIS. ESTUDO EM COELHO., Descrição: Trata-se do trabalho de doutorado da aluna Ryane Schmidt Brock, orientada do Prof. Fausto Viterbo, sendo que a parte da dissociação, expansão e caracterização das CTM de tecido adiposo são feitas em colaboração com o Laboratório de Engenharia Celular.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (0) Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Fausto Viterbo - Coordenador / Ryane Schmidt Brock - Integrante / Camila Juliane Sena Maleski - Integrante.

  • 2013 - Atual

    TRANSPLANTE TRAQUEAL EM RATOS UTILIZANDO TÉCNICAS DE RECONSTITUIÇÃO DE VIA AÉREA HOMÓLOGA COM CÉLULAS AUTÓLOGAS POR ENGENHARIA TECIDUAL, Descrição: A utilização de matriz extracelular como suporte biológico possui a vantagem e poder ser recelularizada com células do receptor. A recelularização do suporte biológico (matriz extracelular) é realizada por células autólogas cultivadas (epitélio respiratório) e condrócitos. Fundamentados na hipótese de que a reconstituição da via aérea homóloga com células autólogas utilizando-se técnica de engenharia tecidual é exequível, desenhamos um estudo experimental como objetivo de avaliar a viabilidade dos enxertos traqueais descelularizados e recelularizados em um modelo experimental de transplante traqueal em ratos.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristina Evaristo - Integrante / Paulo Francisco Guerreiro Cardoso - Integrante / Paulo Manoel Pego Fernandes - Integrante / Rogério Pazzetti - Integrante / Daniele Cristina Cataneo - Integrante.

  • 2013 - Atual

    AVALIAÇÃO DA REOLOGIA DAS CÉLULAS TRAQUEAIS ISOLADAS ATRAVÉS DA CITOMETRIA MAGNÉTICO ÓPTICA DE OSCILAÇÃO (OMTC), Descrição: A confecção de neotraquéia a partir de engenharia tecidual combina processos de descelularização de aloenxertos traqueais com subsequente recelularização do enxerto. A engenharia de tecidos permite que as traquéias descelularizadas possam ser recelularizadas com condrócitos diferenciados a partir de cultura de células-tronco mesenquimais de tecido adiposo e células epiteliais respiratórias (CERs) obtidas do próprio receptor. Apesar da similaridade do epitélio respiratório e da musculatura lisa produzidos por técnicas de engenharia tecidual, pouco se sabe sobre as possíveis alterações do citoesqueleto destas células geradas em cultura, bem como seu impacto nas propriedades mecânicas intrínsicas da traquéia própriamente dita. O objetivo do presente estudo é o de avaliar-se o comportamento da microreologia celular da traquéia in vitro através da OMTC comparando-se células cultivadas à partir de traquéias normais com células utilizadas para a recelularização traqueal... , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristine Evaristo - Integrante / Paulo Francisco Guerreiro Cardoso - Integrante / Adriano Alencar - Integrante.

  • 2013 - Atual

    ESTUDO DAS PROPRIEDADES VISCOELÁSTICAS DE TRAQUEIAS RECONSTRUÍDAS POR ENGENHARIA DE TECIDOS UTILIZANDO UM AMBIENTE DE AVALIAÇÃO DE MECÂNICA RESPIRATÓRIA POR IMAGEM., Descrição: O presente estudo experimental tem por objetivo avaliar as propriedades mecânicas de traqueias in vitro, comparando o comportamento de traqueias normais de ratos versus traqueias descelularizadas e recelularizadas por engenharia tecidual. Para tal, será utilizado uma nova instrumentação composta de ambiente de processamento de imagens e condicionamento/estimulação de tecidos, desenvolvidos recentemente no Laboratório de Engenharia Biomédica-Escola Politécnica-USP. Tal tecnologia é inédita e as análises preliminares da mecânica de traqueias descelularizadas, recelularizadas e normais, demonstram a capacidade do equipamento em executar as medidas de interesse... , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristine Evaristo - Integrante / Paulo Francisco Guerreiro Cardoso - Integrante / Daniele Cristina Cataneo - Integrante / Henrique Takachi Moriya - Integrante.

  • 2012 - Atual

    Estudo Multicêntrico do uso de Biocurativo no tratamento de feridas crônicas, Descrição: O Laboratório de Engenharia Celular, vem desde 2001 mantendo linha de pesquisa na área de curativos bioativos, denominados de Biocurativos. Atualmente, 3 produtos já foram validados em fase clínica I (humanos) sob aprovação do CONEP. Com o objetivo de avaliar a experiência de outros centros brasileiros com o uso dos produtos aqui desenvolvidos, delineou-se este projeto com a participação de 3 diferentes estados brasileiros.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Coltrim, OS - Integrante., Financiador(es): Fundo Nacional de Saúde Ministério da Saúde - Auxílio financeiro.

  • 2010 - 2012

    IMPLANTE DE CÉLULAS-TRONCO MESESENQUIMAIS AUTÓLOGAS ASSOCIADAS AO PRP EM TENDINITES EXPERIMENTAIS EM EQUINOS, Descrição: A tendinite do flexor digital superficial (TFDS) é uma das lesões mais comuns em eqüinos de alto desempenho, acarretando em uma significante morbidade e grande perda econômica na indústria eqüestre. Existem vários tipos de tratamentos descritos na literatura, que têm contribuído de forma significativa para o restabelecimento da morfo-fisiologia do tendão. No entanto há um campo fértil para inovar e melhorar a qualidade da matriz extracelular da estrutura tendínea. Com o advento da biotecnologia, a medicina regenerativa vem evoluindo significativamente e já existem trabalhos promissores no emprego de terapia celular e implante de plasma rico em plaquetas (PRP) na tendinite eqüina. Este trabalho tem como objetivo o implante autólogo de células-tronco mesenquimais (CTM) derivadas do tecido adiposo associada ao PRP em um dos membros torácicos de eqüinos com TFDS, que será induzida pelo emprego da colagenase. Os animais serão avaliados por parâmetros clínicos, exames de ultrassonografia, doppler-sonografia e após as biópsias a serem realizadas no 40o dia para avaliação do homing celular, ou seja, transporte dessas células do membro implantado (tratado) para o membro contralateral (controle); e no 150o dia do experimento, serão verificadas as características histológicas, imunoistoquímicas e avaliação da expressão gênica tendínea. Resumo em Inglês Objetivos 1. Objetivos gerais 1.1 Avaliação da eficácia da associação das células-tronco mesenquimais derivadas do tecido adiposo e o plasma rico em plaquetas na reparação tecidual do tendão. 1.2 Monitoramento das células-tronco autólogas inoculadas (homing celular), através da expressão das CTM marcadas com nanocristal quantum dot (Qtraker 655®). 2. Objetivos específicos 2.1 Caracterização imunofenotípica da superfície das células-tronco mesenquimais utilizando os marcadores CD44, CD90. 2.2 Avaliação do efeito do tratamento frente a parâmetros clínicos do aparelho locomotor eqüino. 2.3 Avaliação do efeito do tratamento f. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa.

  • 2009 - 2011

    Proposta de modelo experimental de neotraquéia em coelho utilizando técnicas de engenharia de tecidos, Descrição: Injúrias traqueais são problemas na prática cirúrgica, pois apresentam dificuldades no tratamento. A engenharia tecidual (ET) consiste na regeneração de órgãos, através do recrutamento de tecidos do paciente, dissociados em células que são cultivadas sobre suportes biológicos ou sintéticos, para serem reinseridos no paciente; sendo a única técnica para substituição traqueal que fornece promessa real. A ET já tornou possível a substituição traqueal em paciente que apresentava estenose traqueobrônquica melhorando a qualidade de vida. Assim é possível construir uma neotraquéia com propriedades mecânicas que permitem a fisiologia normal, sem riscos de rejeição, provando que, células autólogas combinadas com biomateriais apropriados podem fornecer soluções funcionais em situações cirúrgicas complexas. O maior desafio é construir por meio de técnicas de ET uma via respiratória funcional que seja uniforme e altamente eficiente na cultura celular na superfície externa e interna da matriz tubular tridimensional, co-cultivando diferentes tipos celulares. Estabelecer um protocolo de modelo experimental de neotraquéia sobre uma estrutura tridimensional autóloga recobrindo-a externamente com o tecido cartilaginoso e internamente com epitélio respiratório é o desafio deste projeto.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado profissional: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Sérgio Felisbino - Integrante / Thaiane Cristina Evaristo - Integrante / Flávia Cilene Alves - Integrante / Raul Ruiz Junior - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa.

  • 2009 - 2011

    Estudo comparativo de Gel de Plaquetas home made versus Hidrocolóide no processo de cicatrização de úlceras crônicas de etiologia venosa, Descrição: A úlcera de extremidades de membros inferiores representa uma patologia com alta incidência e prevalência afetando de 1 a 3% da população nos países em desenvolvimento. A etiologia vascular é a principal causa com 75 a 90% dos casos. A úlcera venosa dos membros inferiores é um problema comum nos países ocidentais, causando significante impacto socioeconômico. Diversos tipos de curativos têm sido desenvolvidos e estão disponíveis no mercado, sendo o acesso aos mesmos, limitado. Entre os diferentes curativos no mercado aqueles com fatores de crescimento usam mediadores biológicos naturais caracterizados como peptídeos com receptores teciduais. O Hemocentro de Botucatu vem desenvolvendo um hemocomponente de uso tópico a partir de produto excedente da pratica transfusional: plasma fresco congelado e concentrado de plaquetas(CP). As moléculas sinalizadoras (fatores de crescimento) solúveis, presentes no CP são integrantes fundamentais da nova apresentação denominada Gel de Plaquetas ou Biogel. Este produto favorece a migração, a proliferação e a diferenciação celular contribuindo para a modulação da resposta cicatricial. Este trabalho se propõe a aprimorar o gel de plaquetas laminar (Biogel), tendo em vista que a degranulação das plaquetas levam à liberação de inúmeros fatores: do aracdonato, prostaglandina PGE2, tromboxano (TXA), fator de agregação plaquetária (PAF), fator de crescimento derivado de plaquetas (PDGF) e vascular endotelial (VEGF) além daqueles derivados de fibroblastos (FGF), fator epidermal (EGF), e do fator transformador de crescimento β (TGF-β). Além de padronizar a dose-aplicação, esta pesquisa propõe comparar o desempenho do Biogel com o Hidrocolóide existente no mercado.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Aun - Integrante / Mariele Gobo - Integrante.

  • 2009 - 2011

    Produção de materiais nanoparticulados para processos baseados em imunocitoquímica, Descrição: PROJETO MULTICENTRICO SOB A COORDENAÇÃO PROF. SIDNEY RIBEIRO: Este projeto tem como meta principal a formação de uma rede internacional multidisciplinar envolvida na formação de mão de obra qualificada na área de nanomateriais com aplicação em medicina (4 doutores, 8 estágios de pós-doutoramento e estágios de estudantes de graduação). Os objetivos intermediários científicos a serem atendidos podem ser definidos como: -preparação de nanopartículas de óxidos de silício, alumínio, polímeros, contendo compostos luminescentes orgânicos e/ou de íons lantanídeos para calibração de citômetros de fluxo; -Validar aumento de vida de prateleira e sustentabilidade do produto sem proteção à luz em comparação com os produtos comerciais; -Isolamento de anticorpos monoclonais (ex. anti-linfócito B, anti-linfocito T, anti-leucócito, anti-mesenquimal) e acoplamento à nanopartículas magnéticas (ex. cobalto) para separação celular por seleção magnética positiva e negativa de populações celulares específicas*; -Desenvolvimento e caracterização de nanopartículas biodegradáveis luminescentes, e nanopartículas contendo quimioterápicos, ambas funcionalizadas por anticorpos monoclonais específicos; -Avaliação da capacidade de internalização de nanopartículas luminescentes funcionalizadas com mAbs anti-linfócitos B; -Estudo dinâmico de morte celular, in vitro, com co-cultivo de linhagem de linfoma B em presença de nanopartículas biodegradáveis funcionalizadas por anticorpos monoclonais anti-linfocitos B e também contendo quimioterápicos; -Realizar o seqüenciamento molecular da região dos clones codificadora das imunoglobulinas de interesse, de modo a se deter a originalidade, característica vinculada à patenteabilidade do produto. * corresponde às atividades a serem desenvolvidas na UNESP-BOTUCATU JUSTIFICATIVA PARA IMPLEMENTAÇÃO DO PROJETO: Este projeto visa a formação de uma rede interdisciplinar envolvendo químicos, físicos, biólogos, engenheiros químicos, biomédicos. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Priscila Murador - Integrante / Flávia Cilene Alves - Integrante / Michele Valério - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.

  • 2007 - 2010

    Avaliação de aspectos fisiológicos e cinéticos chaves do cultivo de hibridomas para produção de imunoglobulinas de uso hemoclassificatório, Descrição: : O objetivo desta pesquisa é avaliar as características fisiologicas e cinéticas de três hibridomas visando o desenvolvimento de um bioprocesso para produção otimizada de três anticorpos monoclonais a serem utilizados na tipagem sanguínea pelo sistema ABO, os quais são atualmente importados pelo sistema de saúde Brasileiro. Os hibridomas serão cultivados em escala de laboratório em duas etapas. Na primeira, os cultivos serão realizados em frascos spinner para conhecer várias características fisiológicas dos hibridomas que permitam identificar parâmetros relativos ao cultivo passíveis de melhora como comosião do meio de cultura, temperatura, pH e oxigenação. Numa segunda etapa, tendo melhorado as condições de cultivo dos hibridomas, serão feitos experimentos em biorreator de aprox. 1L para a obtenção de dados sobre cinética de crescimento e de produção dos anticorpos monoclonais. De posse das informações obtidas nas duas etapas será feito uma análise de engenharia de processo para definir estratégias de operação do biorreator que conduzam a altas produtividades dos anticorpos monoclonais que deverão ser validadas em experimentos de cultivo no mesmo biorreator. Os resultados finais obtidos serão utilizados para o delineamento de um bioprocesso para produção em escala piloto de cada anticorpo monoclonal. Os estudos de aumento de escala (industrial) serão deixados para uma pesquisa posterior, uma vez que os custos para este tipo de estudo são bem maiores. Os resultados da pesquisa são do interesse da Empresa Brasileira de Hemoderivados e Biotecnologia (Hemobras), co-participe desta pesquisa.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Suazo, CAT - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2007 - 2009

    Caracterização de anticorpos monoclonais anti-CD45, Descrição: Este projeto tem como objeto a caracterização e validação de clones anti-CD45 obtidos pelo Laboratório de Engenharia Celular do Hemocentro de Botucatu. A validação realizada tem como objetivo o uso em citometria de fluxo com marcação com isotiocianato de fluoroceína e em imunohistoquímica testando pela tecnologia de Tissue array em colaboração com Departamento de Patologia do HC-FMB/UNESP.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Marjorie de Assis Golim - Integrante / Luciandro Sodré - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 1

  • 2007 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais anti-Taenia Saginata, Descrição: Projeto em parceria com professora Cáris Nunes da UNESP de Araçatuba.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Josy Campanhã Vicentini - Integrante / Caris Maroni - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1

  • 2005 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais de Uso Hemoterápico, Descrição: Trata-se da otimização de clones existentes e da produção de novos clones para uso em hemoterapia. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Especialização: (1) / Mestrado profissional: (3) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Marina de Souza - Integrante / Daniel Bassetto Jesuíno - Integrante / Elaine Navarro - Integrante / Aparecida Vitória G. Souza - Integrante., Financiador(es): Agência Nacional de Vigilância Sanitária - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 8

  • 2005 - 2007

    Construção de Área limpa e Laboratório Classificado NB3 para a produção de anticorpos monoclonais anti-RSV, Descrição: A construção de área limpa classificada 10.000 e de um laboratório de contenção de nivel 3 de segurança - NB3 trata-se de uma proposta cooperada dentro do Genoma Vírus financiado pela Fapesp sob a coordenação da Profa. Dra. Maria Inês de Moura Campos Pardini. O Laboratório de Engenharia celular obteve esta área física contemplada dentro do compromisso do desenvolvimento de anticorpos monoclonais anti proteína F do RSV ( vírus sincicial respiratório) responsável por enfermidades graves em crianças no mundo todo. A proposta é a produção do anticorpo monoclonal a partir da proteína F pruduzida por tecnologia recombinante pelo grupo cooperado do Genoma Vírus.. , Situação: Desativado; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (2) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Maria Inês de Moura Campos Pardini - Coordenador / Andrei Moroz - Integrante / Marina de Oliveira - Integrante / Elaine Navarro - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2005 - 2006

    Desenvolvimento de Insumos estratégicos para acompanhamento de pacientes com AIDS - UNESCO, Descrição: Monoclonal antibodies (mAbs) are identical because they were produced by one type of immune cell. Antigen is injected into mice some of the immune system B-cells will turn into plasma cells and start to produce antibodies. B-cells from mice spleen are removed and fused with myeloma tumor cells (NS1) that grow indefinitely in culture originating hybridomas. These are cloned, so that one obtains a number of different colonies, each producing only one type of antibody. When the clone cells are injected in the peritoneal cavity mice, they produce tumors containing an antibody-rich fluid called ascitic fluid. The purpose of the development of these mAbs is for application to the differential diagnosis of B-cell disorders. Patient Cells with B-cell chronic lymphocytic leukemia were immunophenotyping by flow cytometry (FC) for determination of the immunogens (human lymphocyte B - HLB). Peripheral blood mononuclear cells were isolated from whole blood samples using density gradient centrifugation. Twenty-five BALB/c mice were immunized intraperitoneally with HLB. The spleen was removed, a cell suspension produced was fused using polyethylene glycol with NS1/HLB cells and plated out into HAT-selective growth medium. The cultures were incubated for approximately until significant colony growth was apparent. The hybrids supernatant culture that demonstrated a better performance were collected and tested by FC (screening) for the presence of the appropriate mAbs. Cells from positive wells were single-cell cloned. Screening was repeated for the confirmation of the especificity of mAb, proceeded in vivo expansion for attainment from high-titered solution of mAb - ascitic fluid. The cellular fusion resulted in 1248 hybridomas, of which 22 were positive by FC and subsequently cloned resulting 29 clones. These 29 tested by FC staining 20 were strongly positive, so that the clone cells are injected in 100 mice to produced ascitic fluid.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Marjorie de Assis Golim - Integrante / Renata Bittencourt - Integrante / Marina Oliveira - Integrante., Financiador(es): Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais em Hemoterapia, Descrição: O projeto intitulado Produção e Validação de reagentes monoclonais para uso Hemoterápico foi apresentado a Agência Nacional de Vigilância Sanitásria - ANVISA, recebendo parecer favorável tendo sido efetuado convênio com a Fundação para o Desenvolvimento Médico Hospitalar - FAMESP, conênio 030/2004 para o repasse de recursos financeiros que viabilizarão até meados de 2006 o registro de anticorpos monoclonais produzidos e validados no Brasil. Coordenador do Projeto. Alunos envolvidos: Iniciação científica 2, especialização 1 e mestrado 2.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante / Andrei Moroz - Integrante / Carlos Tognolli - Integrante / Débora Botéquio - Integrante., Financiador(es): Agência Nacional de Vigilância Sanitária - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 7 / Número de orientações: 3

  • 2004 - 2008

    Produção e validação de Anticorpos monoclonais de uso Médico, Descrição: Durante o treinamento de recursos humanos de áreas estratégicas do país (Piauí, Acre) identificamos o grave problema de fornecimento de material diagnóstico em pequena quantidade para áreas distantes, muito quentes, cujo forncedor coloca preço proibitivo para os insumos, obrigando muitas vezes o serviço a usar insumos vencidos. Com objetivo de registrar insumos junto à anvisa, propusemos este projeto, cujos produtos obtidos, validados e registrados serão disponibilizados para as áreas brasileiras com menor recursos financeiro, com intuito de garantir uma transfusão eficaz e segura em qualquer ponto de território brasileiro. O projeto foi submetido ao CNPq tendo sido aprovado. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Rita de Cássia Alvarado - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 34 / Número de orientações: 12

  • 2003 - 2010

    Desenvolvimento de cola de fibrina home made para uso tópico, Descrição: Trata-se da obtenção de cola de fibrina a partir de plasma excedente. Este projeto contém etapas intermediárias, entre elas, a fase devalidação do plasma excedente através das determinações de Fatores V, VIII, IX, XIII, fibrinogênio, fibronectina, PDGF e VEGF. Outra etapa configura-se com a purificação da trombina humana. A terceira etapa é a formação da cola de fibrina home made, considerado hemocomponente de uso tópico. Tal hemocomponentes, oiu biocurativo vem sendo aplicado, com a respectiva autorização do CONEP em seres humanos para a cicatrização de feridas crônicas de etiologia venosa.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado profissional: (4) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Danielle Morais - Integrante / Illymach Canedo Ferreira de Araújo - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante., Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 4

  • 2002 - 2004

    Uso de Biocurativo nas úlceras de pressão, Descrição: Produção de biocurativo: constituição de pasta dermatológica modificada e enriquecida com proteínas humanas concentradas oriundas da preparação de crioprecipitado. Esta pasta foi enriquecida com altas concentrações de fibrinogêncio, fibronectina, vit A, flavonóides, Vit. C, entre outros elementos anti-oxidantes e testados em animais e posteriormente à aprovação do Conep, foi usada para a cicatrização de úlceras de pressão em pacientes cujo tratamento clássico não cicatrizava a lesão. Trata-se de obtenção de cola de fibrina home made, de origem integralmente humana.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Marla Andréia Garcia - Integrante / Gilsara Alves - Integrante., Número de orientações: 1

  • 2001 - Atual

    Estruturação ex-vivo de vasos sanguíneos a partir da diferenciação de células tronco de coelhos, Descrição: A doença arterial obstrutiva periférica está presente em 5% da população e em cerca de 20 a 30% dos casos pode evoluir para amputação do membro inferior acometido, mesmo com os tratamentos hoje existentes. Por isso, justifica-se a busca por novas técnicas para controle da evolução da doença. Pesquisas recentes envolvendo células tronco e engenharia celular apontam para um futuro promissor com base na terapêutica regenerativa e substitutiva de tecidos. A terapia celular é um ramo da medicina regenerativa e consiste em três vertentes terapêuticas: condutiva, a qual se refere ao re-estabelecimento autônomo das células através de estímulo externo; indutiva, em que fatores de crescimento são adicionados à célula para que esta se regenere. As células-tronco perfazem a terceira vertente e são utilizadas na terapia celular para regeneração tecidual. O desafio deste estudo está relacionado a terceira vertente acima mencionada, focalizando o aprimoramento das técnicas de engenharia celular, com a finalidade de produzir um substituto arterial autólogo in vitro, utilizando células tronco mesenquimais (CTM) de tecido adiposo de coelho que serão cultivadas sob um ?scaffold?e/ou biomaterial descelularizado. Em seguida, estas CTM serão diferenciadas em tecido endotelial e tecido muscular liso de forma a mimetizar a parede do vaso sanguíneo. Futuramente, esse modelo poderá vir a ser aplicado em enxertos vasculares (by-pass) que atualmente se faz através do uso da veia safena magna autóloga ou com o uso de próteses sintéticas inorgânicos, as quais podem provocar a rejeição. Dessa forma, espera-se contribuir para o desenvolvimento de novas alternativas para o tratamento dos pacientes portadores de insuficiência arterial.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 1999 - 2002

    Produção de Anticorpos Monoclonais Anti-produto de degradação do fibrinogênio/fibrina humano, Descrição: O processo hemostático para a formação do trombo é iniciado um complexo de substância denomiadas ativadores da protrombina que fará a conversão desta em trombina. Por sua vez, a trombina age sobre a molécula de fibrinogênio convertendo-o em fibrina. As novas técnicas de engenharia celulares avançaram muito nas últimas décadas. Entre os avanços destaca-se a produção de anticorpos monoclonais murinos (AcMm) e humanos segundo Köhler e Milstein(1975). Os hemoderivados obtidos através de AcMm possuem uma qualidade inquestionável quanto à pureza sendo a maioria obtida somente no mercado internacional. A obtenção de AcMm contra o produto de degradação fibrinogênio/fibrina humano terá sua utilização nas rotinas laboratoriais contribuindo para o diagnóstico de inúmeras patologias. Camundongos Balb/c foram imunizados com: crioprecipitado ( protocolo ROSOB), fibrinogênio purificado pelo método de Kazal e cols. modificado ( protocolo CRIS), fibrinogênio comercial ( protocolo FIB), fragmento D comercial ( protocolo DIM). As células esplênicas do animal imunizado foram fusionadas com células mielomatosas NS1-1 e os híbridos foram selecionados levando em consideração os apectos genéticos HGPRT negativos do mieloma e positivo das células híbridas. Os anticorpos obtidos foram testados pela técnica ELISA, dot blot, testes de inibição e caractereizados por imunoblotting, sendo que o peso molecular da proteína que cada anticorpo reconhecia foi determinado após análise por imagem comparativa (VDS)-Amersham Pharmacia Biotech. As classes e sub-classes de imunoglobulinas foram determinadas pelo método de imunodifusão radial e confirmadas por citometria de fluxo.A monoclonalidade foi estabelecida pela eletroforese em gel de agarose. Os anticorpos obtidos reconhecem produtos de degradação do fibrionogênio: anti-produto de degradação do fagmento Y ( anticorpo reconhecendo proteínas de PM 50.700 e 40.300 daltos) e anti- fragmento D ( anticorpo reconhecendo proteína de PM= 32.400 dalton.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Cristiane Aparecida Ferino - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 1996 - 2001

    Produção de Anticorpos Monoclonais anti-Fator VIII da coagulação, expansão clonal e domínio da tecnologia de produção em larga escala, Descrição: CONTROLE DE QUALIDADE DE HEMODERIVADOS: QUALIDADE DE VIDA DO HEMOFÍLICO. Deffune, Elenice, Ferreira-Rossi, Rosana, Guimarães, Fátima Regina e Machado, Paulo Eduardo de Abreu. Hemocentro de Botucatu-Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina-UNESP. O desenvolvimento de talentos na área da saúde para o atendimento universal, multiprofissional e de qualidade para os hemofílicos é um dos desafios das últimas décadas.Envolvidos em processos dolorosos mundiais, fruto de utilização de produtos lábeis ou hemoderivados de padrão questionáveis, os hemofílicos foram assolados pelo HIV. O esforço biotecnológico mundial trouxe excelentes resultados obtendo produtos cada vez mais puros, específicos e viro-inativados. No entanto, estes produtos distribuídos no mundo todo, nem sempre tem seu transporte com a cadeia de frios que necessitam e podem ser alterados, prejudicados e mesmo ter total ineficácia terapêutica. Preocupados com a falta de controle pós-compra elaboramos um projeto de produção de anticorpos monoclonais murinos (AcMm) dirigidos contra fator VIII da coagulação com o intuito de obter uma ferramenta tecnológica para controle e validação dos produtos, antes da liberação para uso terapêutico em cada serviço. Os AcMm foram obtidos após a imunização de um grupo de camundongos, por via intraperitoneal, com FVIII natura cuja fonte foi crioprecipitado com intervalo de 21 dias entre as injeções. Após 45 dias retiramos o baço dos animais, recuperamos as células esplênicas e fusionamos as mesmas com células de mieloma murino segundo o método descrito por Köhler & Milstein (1975). Após o processo de fusão, os hibridomas foram distribuídos em placas de cultura e os híbridos viáveis foram retidos e testados quanto à sua especificidade. Os híbridos considerados de alta reatividade foram clonados e estabilizados durante os 4 primeiros meses de cultura, depois expandidos in vitro (cultura) e in vivo.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante., Financiador(es): Financiadora de Estudos e Projetos - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 2

  • 1996 - 1998

    Estudo dos Antígenos Leucocitários Suínos e Tolerização objetivando Xanotransplante., Descrição: A crescente demanda de órgãos para transplantes versus a também crescente dificuldade em obter órgãos para os referidos transplantes tem aumentado a fila de espera, o que tem determinado, só no estado de São Paulo, um grande número de óbitos. Para contribuir com o avanço tecnológico e produzir marcadores que propiciarão no futuro o monitoramento de prováveis órgãos oriundos de animais preparados para transplantes de órgãos, estabelecemos protocolos de obtenção e caracterização de anticorpos monoclonais murinos dirigidos contra antígenos eritrocitários de suínos Large White.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Alexandre Krause - Integrante / Ana Paula Ehrandt Oliveira - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1

  • 1994 - 1998

    Expansão clonal de anti-A, anti-B e anti-AB para uso em bancada, Descrição: Após a implantação do Laboratório de produção de anticorpos Monoclonais murinos a Divisão Hemocentro inciou uma nova fase de produção de insumos por biotecnologia. Os anticorpos anti-A, anti-B e anti-AB para a tipagem sangüínea rotineira foi validado por testes em paralelo com duas diferentes fontes comerciais de reagentes, obtendo desempenho superior numa amostragem de mais de 100.000 tipagens sangüíneas. Uma vez validados, entrou-se na fase de expansão clonal e produção de lotes de reagentes para uso interno em bancada, sem comercilização. Desta forma, isentos de registro no Ministério da Saúde.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Fátima Regina Guimarães - Integrante / Tania Rosalem - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 5

  • 1994 - 1998

    Produção de Anticorpos monoclonais dirigidos contra antígenos eritrocitários humanos, Descrição: Utilizando o avanço tecnológico da engenharia celular, implantamos no hemocentro de Botucatu o laboratório de produção de Anticorpos Monoclonais com objetivo claro de produzir insumos para a bancada da hemoterapia. Este objetivo era calcado na c]necessidade do serviço utilizar insumos de origem biotecnológico, mais seguros, mais precisos, porem de alto custo. Tendo em vista o término do contrato com a Universidade, este projeto teve continuidade com a contratação da pesquisadora, pelas regras CLT, para não haver descontinuidade do mesmo. Vários sub-produtos deste projeto inicial dão margem hoje à outras teses de mestrado e doutorado.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (4) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Tânia Rosalem - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 10 / Número de orientações: 6

  • 1993 - 1994

    Obtenção, Caracterização e Validação de anticorpos monoclonais anti-A, anti-B e anti-AB, Descrição: Em 1992, com a implantação do laboratório de produção de anticorpos monoclonais, a linha mestra de pesquisa ficou estabelecida como sendo a produção de anticorpos monoclonais dirigidos contra antígenos eritrocitários humanos que viessem após a padronização, validação e registro, substituir os reagentes de bancada vigentes naquela época no país, na sua maior parte, de origem policlonal. A origem mencionada dos anticorpos largamente comercializados no país, é humana, o que confrontava e confronta com a constituição federal que proíbe comercialização dos sangue e de seus derivados. Com intuito de obter anticorpos melhores para uso em bancada, respeitar a constituição brasileira e por questões de biossegurança, melhorar a qualidade de vida dos trabalhadores dos laboratórios de imunohematologia, os três mais usados anticorpos de uso imunohematolõgico foram produzidos.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 3

  • 1992 - 1993

    Implantação da Tecnologia de Produção de Anticorpos Monoclonais, Descrição: Depois de mestrado e doutorado na área de biotecnologia aplicada à transfusão, com teses realizadas no Institut National de Transfusion Sanguine de Paris/ Université Pierre et Marie Curie/Paris VI/França, o desafio foi a implantação do laboratório de engenharia celular voltado à produção de anticorpos monoclonais murinos para uso em bancada com fins hemoterápicos. Em meados de abri/maio de 1992 começou a tramitação na universidade para que pudesse me submeter ao concurso para a vaga de pesquisadora. Tão logo isto foi possível, com o despacho do reitor publicado 27/5/1992, processo 1011-92-FM-Bo, dei início à implantação dom referido laboratório. Inicialmente realizei uma auditoria para analisar as práticas laboratoriais e as condições de biossegurança e técnicas. Esta auditoria levou à implantação do grupo, que posteriormente se tornou Comitê de Biossegurança, Qualidade e Bioética, para a padronização dos procedimentos e adequação dentro de padrões interncaionais de qualidade. A grande dificuldade incial foi a aquisição de nitrogênio líquido para a manutenção dos clones a serem produzidos. Em dezembro de 1992 consegui obter o primeiro sucesso em cultura celular, após vários problemas, todos ligados às deficiêcnias de infra-estrutura e treinamentoi de equipe. O investimento inicial para equipar o laboratório vieram fundamentalmente da Secretaria Estadual de Saúde e FINEP.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (4) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Tânia Rosalem - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2014 - Atual

    NEOFORMAÇÃO ÓSSEA: RETALHO DE GÁLEA E PERIÓSTEO PREENCHIDO COM CÉLULAS TRONCO MESENQUIMAIS. ESTUDO EM COELHO., Descrição: Trata-se do trabalho de doutorado da aluna Ryane Schmidt Brock, orientada do Prof. Fausto Viterbo, sendo que a parte da dissociação, expansão e caracterização das CTM de tecido adiposo são feitas em colaboração com o Laboratório de Engenharia Celular.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (0) Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Fausto Viterbo - Coordenador / Ryane Schmidt Brock - Integrante / Camila Juliane Sena Maleski - Integrante.

  • 2013 - Atual

    TRANSPLANTE TRAQUEAL EM RATOS UTILIZANDO TÉCNICAS DE RECONSTITUIÇÃO DE VIA AÉREA HOMÓLOGA COM CÉLULAS AUTÓLOGAS POR ENGENHARIA TECIDUAL, Descrição: A utilização de matriz extracelular como suporte biológico possui a vantagem e poder ser recelularizada com células do receptor. A recelularização do suporte biológico (matriz extracelular) é realizada por células autólogas cultivadas (epitélio respiratório) e condrócitos. Fundamentados na hipótese de que a reconstituição da via aérea homóloga com células autólogas utilizando-se técnica de engenharia tecidual é exequível, desenhamos um estudo experimental como objetivo de avaliar a viabilidade dos enxertos traqueais descelularizados e recelularizados em um modelo experimental de transplante traqueal em ratos.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristina Evaristo - Integrante / Paulo Francisco Guerreiro Cardoso - Integrante / Paulo Manoel Pego Fernandes - Integrante / Rogério Pazzetti - Integrante / Daniele Cristina Cataneo - Integrante.

  • 2013 - Atual

    ESTUDO DAS PROPRIEDADES VISCOELÁSTICAS DE TRAQUEIAS RECONSTRUÍDAS POR ENGENHARIA DE TECIDOS UTILIZANDO UM AMBIENTE DE AVALIAÇÃO DE MECÂNICA RESPIRATÓRIA POR IMAGEM., Descrição: O presente estudo experimental tem por objetivo avaliar as propriedades mecânicas de traqueias in vitro, comparando o comportamento de traqueias normais de ratos versus traqueias descelularizadas e recelularizadas por engenharia tecidual. Para tal, será utilizado uma nova instrumentação composta de ambiente de processamento de imagens e condicionamento/estimulação de tecidos, desenvolvidos recentemente no Laboratório de Engenharia Biomédica-Escola Politécnica-USP. Tal tecnologia é inédita e as análises preliminares da mecânica de traqueias descelularizadas, recelularizadas e normais, demonstram a capacidade do equipamento em executar as medidas de interesse... , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristine Evaristo - Integrante / Paulo Francisco Guerreiro Cardoso - Integrante / Daniele Cristina Cataneo - Integrante / Henrique Takachi Moriya - Integrante.

  • 2013 - Atual

    AVALIAÇÃO DA REOLOGIA DAS CÉLULAS TRAQUEAIS ISOLADAS ATRAVÉS DA CITOMETRIA MAGNÉTICO ÓPTICA DE OSCILAÇÃO (OMTC), Descrição: A confecção de neotraquéia a partir de engenharia tecidual combina processos de descelularização de aloenxertos traqueais com subsequente recelularização do enxerto. A engenharia de tecidos permite que as traquéias descelularizadas possam ser recelularizadas com condrócitos diferenciados a partir de cultura de células-tronco mesenquimais de tecido adiposo e células epiteliais respiratórias (CERs) obtidas do próprio receptor. Apesar da similaridade do epitélio respiratório e da musculatura lisa produzidos por técnicas de engenharia tecidual, pouco se sabe sobre as possíveis alterações do citoesqueleto destas células geradas em cultura, bem como seu impacto nas propriedades mecânicas intrínsicas da traquéia própriamente dita. O objetivo do presente estudo é o de avaliar-se o comportamento da microreologia celular da traquéia in vitro através da OMTC comparando-se células cultivadas à partir de traquéias normais com células utilizadas para a recelularização traqueal... , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristine Evaristo - Integrante / Paulo Francisco Guerreiro Cardoso - Integrante / Adriano Alencar - Integrante.

  • 2012 - Atual

    Estudo Multicêntrico do uso de Biocurativo no tratamento de feridas crônicas, Descrição: O Laboratório de Engenharia Celular, vem desde 2001 mantendo linha de pesquisa na área de curativos bioativos, denominados de Biocurativos. Atualmente, 3 produtos já foram validados em fase clínica I (humanos) sob aprovação do CONEP. Com o objetivo de avaliar a experiência de outros centros brasileiros com o uso dos produtos aqui desenvolvidos, delineou-se este projeto com a participação de 3 diferentes estados brasileiros.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Coltrim, OS - Integrante., Financiador(es): Fundo Nacional de Saúde Ministério da Saúde - Auxílio financeiro.

  • 2010 - 2012

    IMPLANTE DE CÉLULAS-TRONCO MESESENQUIMAIS AUTÓLOGAS ASSOCIADAS AO PRP EM TENDINITES EXPERIMENTAIS EM EQUINOS, Descrição: A tendinite do flexor digital superficial (TFDS) é uma das lesões mais comuns em eqüinos de alto desempenho, acarretando em uma significante morbidade e grande perda econômica na indústria eqüestre. Existem vários tipos de tratamentos descritos na literatura, que têm contribuído de forma significativa para o restabelecimento da morfo-fisiologia do tendão. No entanto há um campo fértil para inovar e melhorar a qualidade da matriz extracelular da estrutura tendínea. Com o advento da biotecnologia, a medicina regenerativa vem evoluindo significativamente e já existem trabalhos promissores no emprego de terapia celular e implante de plasma rico em plaquetas (PRP) na tendinite eqüina. Este trabalho tem como objetivo o implante autólogo de células-tronco mesenquimais (CTM) derivadas do tecido adiposo associada ao PRP em um dos membros torácicos de eqüinos com TFDS, que será induzida pelo emprego da colagenase. Os animais serão avaliados por parâmetros clínicos, exames de ultrassonografia, doppler-sonografia e após as biópsias a serem realizadas no 40o dia para avaliação do homing celular, ou seja, transporte dessas células do membro implantado (tratado) para o membro contralateral (controle); e no 150o dia do experimento, serão verificadas as características histológicas, imunoistoquímicas e avaliação da expressão gênica tendínea. Resumo em Inglês Objetivos 1. Objetivos gerais 1.1 Avaliação da eficácia da associação das células-tronco mesenquimais derivadas do tecido adiposo e o plasma rico em plaquetas na reparação tecidual do tendão. 1.2 Monitoramento das células-tronco autólogas inoculadas (homing celular), através da expressão das CTM marcadas com nanocristal quantum dot (Qtraker 655®). 2. Objetivos específicos 2.1 Caracterização imunofenotípica da superfície das células-tronco mesenquimais utilizando os marcadores CD44, CD90. 2.2 Avaliação do efeito do tratamento frente a parâmetros clínicos do aparelho locomotor eqüino. 2.3 Avaliação do efeito do tratamento f. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa.

  • 2009 - 2011

    Produção de materiais nanoparticulados para processos baseados em imunocitoquímica, Descrição: PROJETO MULTICENTRICO SOB A COORDENAÇÃO PROF. SIDNEY RIBEIRO: Este projeto tem como meta principal a formação de uma rede internacional multidisciplinar envolvida na formação de mão de obra qualificada na área de nanomateriais com aplicação em medicina (4 doutores, 8 estágios de pós-doutoramento e estágios de estudantes de graduação). Os objetivos intermediários científicos a serem atendidos podem ser definidos como: -preparação de nanopartículas de óxidos de silício, alumínio, polímeros, contendo compostos luminescentes orgânicos e/ou de íons lantanídeos para calibração de citômetros de fluxo; -Validar aumento de vida de prateleira e sustentabilidade do produto sem proteção à luz em comparação com os produtos comerciais; -Isolamento de anticorpos monoclonais (ex. anti-linfócito B, anti-linfocito T, anti-leucócito, anti-mesenquimal) e acoplamento à nanopartículas magnéticas (ex. cobalto) para separação celular por seleção magnética positiva e negativa de populações celulares específicas*; -Desenvolvimento e caracterização de nanopartículas biodegradáveis luminescentes, e nanopartículas contendo quimioterápicos, ambas funcionalizadas por anticorpos monoclonais específicos; -Avaliação da capacidade de internalização de nanopartículas luminescentes funcionalizadas com mAbs anti-linfócitos B; -Estudo dinâmico de morte celular, in vitro, com co-cultivo de linhagem de linfoma B em presença de nanopartículas biodegradáveis funcionalizadas por anticorpos monoclonais anti-linfocitos B e também contendo quimioterápicos; -Realizar o seqüenciamento molecular da região dos clones codificadora das imunoglobulinas de interesse, de modo a se deter a originalidade, característica vinculada à patenteabilidade do produto. * corresponde às atividades a serem desenvolvidas na UNESP-BOTUCATU JUSTIFICATIVA PARA IMPLEMENTAÇÃO DO PROJETO: Este projeto visa a formação de uma rede interdisciplinar envolvendo químicos, físicos, biólogos, engenheiros químicos, biomédicos. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Priscila Murador - Integrante / Flávia Cilene Alves - Integrante / Michele Valério - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.

  • 2009 - 2011

    Proposta de modelo experimental de neotraquéia em coelho utilizando técnicas de engenharia de tecidos, Descrição: Injúrias traqueais são problemas na prática cirúrgica, pois apresentam dificuldades no tratamento. A engenharia tecidual (ET) consiste na regeneração de órgãos, através do recrutamento de tecidos do paciente, dissociados em células que são cultivadas sobre suportes biológicos ou sintéticos, para serem reinseridos no paciente; sendo a única técnica para substituição traqueal que fornece promessa real. A ET já tornou possível a substituição traqueal em paciente que apresentava estenose traqueobrônquica melhorando a qualidade de vida. Assim é possível construir uma neotraquéia com propriedades mecânicas que permitem a fisiologia normal, sem riscos de rejeição, provando que, células autólogas combinadas com biomateriais apropriados podem fornecer soluções funcionais em situações cirúrgicas complexas. O maior desafio é construir por meio de técnicas de ET uma via respiratória funcional que seja uniforme e altamente eficiente na cultura celular na superfície externa e interna da matriz tubular tridimensional, co-cultivando diferentes tipos celulares. Estabelecer um protocolo de modelo experimental de neotraquéia sobre uma estrutura tridimensional autóloga recobrindo-a externamente com o tecido cartilaginoso e internamente com epitélio respiratório é o desafio deste projeto.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado profissional: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Sérgio Felisbino - Integrante / Thaiane Cristina Evaristo - Integrante / Flávia Cilene Alves - Integrante / Raul Ruiz Junior - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa.

  • 2009 - 2011

    Estudo comparativo de Gel de Plaquetas home made versus Hidrocolóide no processo de cicatrização de úlceras crônicas de etiologia venosa, Descrição: A úlcera de extremidades de membros inferiores representa uma patologia com alta incidência e prevalência afetando de 1 a 3% da população nos países em desenvolvimento. A etiologia vascular é a principal causa com 75 a 90% dos casos. A úlcera venosa dos membros inferiores é um problema comum nos países ocidentais, causando significante impacto socioeconômico. Diversos tipos de curativos têm sido desenvolvidos e estão disponíveis no mercado, sendo o acesso aos mesmos, limitado. Entre os diferentes curativos no mercado aqueles com fatores de crescimento usam mediadores biológicos naturais caracterizados como peptídeos com receptores teciduais. O Hemocentro de Botucatu vem desenvolvendo um hemocomponente de uso tópico a partir de produto excedente da pratica transfusional: plasma fresco congelado e concentrado de plaquetas(CP). As moléculas sinalizadoras (fatores de crescimento) solúveis, presentes no CP são integrantes fundamentais da nova apresentação denominada Gel de Plaquetas ou Biogel. Este produto favorece a migração, a proliferação e a diferenciação celular contribuindo para a modulação da resposta cicatricial. Este trabalho se propõe a aprimorar o gel de plaquetas laminar (Biogel), tendo em vista que a degranulação das plaquetas levam à liberação de inúmeros fatores: do aracdonato, prostaglandina PGE2, tromboxano (TXA), fator de agregação plaquetária (PAF), fator de crescimento derivado de plaquetas (PDGF) e vascular endotelial (VEGF) além daqueles derivados de fibroblastos (FGF), fator epidermal (EGF), e do fator transformador de crescimento β (TGF-β). Além de padronizar a dose-aplicação, esta pesquisa propõe comparar o desempenho do Biogel com o Hidrocolóide existente no mercado.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Aun - Integrante / Mariele Gobo - Integrante.

  • 2007 - 2010

    Avaliação de aspectos fisiológicos e cinéticos chaves do cultivo de hibridomas para produção de imunoglobulinas de uso hemoclassificatório, Descrição: : O objetivo desta pesquisa é avaliar as características fisiologicas e cinéticas de três hibridomas visando o desenvolvimento de um bioprocesso para produção otimizada de três anticorpos monoclonais a serem utilizados na tipagem sanguínea pelo sistema ABO, os quais são atualmente importados pelo sistema de saúde Brasileiro. Os hibridomas serão cultivados em escala de laboratório em duas etapas. Na primeira, os cultivos serão realizados em frascos spinner para conhecer várias características fisiológicas dos hibridomas que permitam identificar parâmetros relativos ao cultivo passíveis de melhora como comosião do meio de cultura, temperatura, pH e oxigenação. Numa segunda etapa, tendo melhorado as condições de cultivo dos hibridomas, serão feitos experimentos em biorreator de aprox. 1L para a obtenção de dados sobre cinética de crescimento e de produção dos anticorpos monoclonais. De posse das informações obtidas nas duas etapas será feito uma análise de engenharia de processo para definir estratégias de operação do biorreator que conduzam a altas produtividades dos anticorpos monoclonais que deverão ser validadas em experimentos de cultivo no mesmo biorreator. Os resultados finais obtidos serão utilizados para o delineamento de um bioprocesso para produção em escala piloto de cada anticorpo monoclonal. Os estudos de aumento de escala (industrial) serão deixados para uma pesquisa posterior, uma vez que os custos para este tipo de estudo são bem maiores. Os resultados da pesquisa são do interesse da Empresa Brasileira de Hemoderivados e Biotecnologia (Hemobras), co-participe desta pesquisa.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Suazo, CAT - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2007 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais anti-Taenia Saginata, Descrição: Projeto em parceria com professora Cáris Nunes da UNESP de Araçatuba.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Josy Campanhã Vicentini - Integrante / Caris Maroni - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1

  • 2007 - 2009

    Caracterização de anticorpos monoclonais anti-CD45, Descrição: Este projeto tem como objeto a caracterização e validação de clones anti-CD45 obtidos pelo Laboratório de Engenharia Celular do Hemocentro de Botucatu. A validação realizada tem como objetivo o uso em citometria de fluxo com marcação com isotiocianato de fluoroceína e em imunohistoquímica testando pela tecnologia de Tissue array em colaboração com Departamento de Patologia do HC-FMB/UNESP.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Marjorie de Assis Golim - Integrante / Luciandro Sodré - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 1

  • 2005 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais de Uso Hemoterápico, Descrição: Trata-se da otimização de clones existentes e da produção de novos clones para uso em hemoterapia. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Especialização: (1) / Mestrado profissional: (3) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Marina de Souza - Integrante / Daniel Bassetto Jesuíno - Integrante / Elaine Navarro - Integrante / Aparecida Vitória G. Souza - Integrante., Financiador(es): Agência Nacional de Vigilância Sanitária - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 8

  • 2005 - 2007

    Construção de Área limpa e Laboratório Classificado NB3 para a produção de anticorpos monoclonais anti-RSV, Descrição: A construção de área limpa classificada 10.000 e de um laboratório de contenção de nivel 3 de segurança - NB3 trata-se de uma proposta cooperada dentro do Genoma Vírus financiado pela Fapesp sob a coordenação da Profa. Dra. Maria Inês de Moura Campos Pardini. O Laboratório de Engenharia celular obteve esta área física contemplada dentro do compromisso do desenvolvimento de anticorpos monoclonais anti proteína F do RSV ( vírus sincicial respiratório) responsável por enfermidades graves em crianças no mundo todo. A proposta é a produção do anticorpo monoclonal a partir da proteína F pruduzida por tecnologia recombinante pelo grupo cooperado do Genoma Vírus.. , Situação: Desativado; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (2) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Maria Inês de Moura Campos Pardini - Coordenador / Andrei Moroz - Integrante / Marina de Oliveira - Integrante / Elaine Navarro - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2005 - 2006

    Desenvolvimento de Insumos estratégicos para acompanhamento de pacientes com AIDS - UNESCO, Descrição: Monoclonal antibodies (mAbs) are identical because they were produced by one type of immune cell. Antigen is injected into mice some of the immune system B-cells will turn into plasma cells and start to produce antibodies. B-cells from mice spleen are removed and fused with myeloma tumor cells (NS1) that grow indefinitely in culture originating hybridomas. These are cloned, so that one obtains a number of different colonies, each producing only one type of antibody. When the clone cells are injected in the peritoneal cavity mice, they produce tumors containing an antibody-rich fluid called ascitic fluid. The purpose of the development of these mAbs is for application to the differential diagnosis of B-cell disorders. Patient Cells with B-cell chronic lymphocytic leukemia were immunophenotyping by flow cytometry (FC) for determination of the immunogens (human lymphocyte B - HLB). Peripheral blood mononuclear cells were isolated from whole blood samples using density gradient centrifugation. Twenty-five BALB/c mice were immunized intraperitoneally with HLB. The spleen was removed, a cell suspension produced was fused using polyethylene glycol with NS1/HLB cells and plated out into HAT-selective growth medium. The cultures were incubated for approximately until significant colony growth was apparent. The hybrids supernatant culture that demonstrated a better performance were collected and tested by FC (screening) for the presence of the appropriate mAbs. Cells from positive wells were single-cell cloned. Screening was repeated for the confirmation of the especificity of mAb, proceeded in vivo expansion for attainment from high-titered solution of mAb - ascitic fluid. The cellular fusion resulted in 1248 hybridomas, of which 22 were positive by FC and subsequently cloned resulting 29 clones. These 29 tested by FC staining 20 were strongly positive, so that the clone cells are injected in 100 mice to produced ascitic fluid.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Marjorie de Assis Golim - Integrante / Renata Bittencourt - Integrante / Marina Oliveira - Integrante., Financiador(es): Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais em Hemoterapia, Descrição: O projeto intitulado Produção e Validação de reagentes monoclonais para uso Hemoterápico foi apresentado a Agência Nacional de Vigilância Sanitásria - ANVISA, recebendo parecer favorável tendo sido efetuado convênio com a Fundação para o Desenvolvimento Médico Hospitalar - FAMESP, conênio 030/2004 para o repasse de recursos financeiros que viabilizarão até meados de 2006 o registro de anticorpos monoclonais produzidos e validados no Brasil. Coordenador do Projeto. Alunos envolvidos: Iniciação científica 2, especialização 1 e mestrado 2.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante / Andrei Moroz - Integrante / Carlos Tognolli - Integrante / Débora Botéquio - Integrante., Financiador(es): Agência Nacional de Vigilância Sanitária - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 7 / Número de orientações: 3

  • 2004 - 2008

    Produção e validação de Anticorpos monoclonais de uso Médico, Descrição: Durante o treinamento de recursos humanos de áreas estratégicas do país (Piauí, Acre) identificamos o grave problema de fornecimento de material diagnóstico em pequena quantidade para áreas distantes, muito quentes, cujo forncedor coloca preço proibitivo para os insumos, obrigando muitas vezes o serviço a usar insumos vencidos. Com objetivo de registrar insumos junto à anvisa, propusemos este projeto, cujos produtos obtidos, validados e registrados serão disponibilizados para as áreas brasileiras com menor recursos financeiro, com intuito de garantir uma transfusão eficaz e segura em qualquer ponto de território brasileiro. O projeto foi submetido ao CNPq tendo sido aprovado. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Rita de Cássia Alvarado - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 34 / Número de orientações: 12

  • 2003 - 2010

    Desenvolvimento de cola de fibrina home made para uso tópico, Descrição: Trata-se da obtenção de cola de fibrina a partir de plasma excedente. Este projeto contém etapas intermediárias, entre elas, a fase devalidação do plasma excedente através das determinações de Fatores V, VIII, IX, XIII, fibrinogênio, fibronectina, PDGF e VEGF. Outra etapa configura-se com a purificação da trombina humana. A terceira etapa é a formação da cola de fibrina home made, considerado hemocomponente de uso tópico. Tal hemocomponentes, oiu biocurativo vem sendo aplicado, com a respectiva autorização do CONEP em seres humanos para a cicatrização de feridas crônicas de etiologia venosa.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado profissional: (4) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Danielle Morais - Integrante / Illymach Canedo Ferreira de Araújo - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante., Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 4

  • 2002 - 2004

    Uso de Biocurativo nas úlceras de pressão, Descrição: Produção de biocurativo: constituição de pasta dermatológica modificada e enriquecida com proteínas humanas concentradas oriundas da preparação de crioprecipitado. Esta pasta foi enriquecida com altas concentrações de fibrinogêncio, fibronectina, vit A, flavonóides, Vit. C, entre outros elementos anti-oxidantes e testados em animais e posteriormente à aprovação do Conep, foi usada para a cicatrização de úlceras de pressão em pacientes cujo tratamento clássico não cicatrizava a lesão. Trata-se de obtenção de cola de fibrina home made, de origem integralmente humana.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Marla Andréia Garcia - Integrante / Gilsara Alves - Integrante., Número de orientações: 1

  • 2001 - Atual

    Estruturação ex-vivo de vasos sanguíneos a partir da diferenciação de células tronco de coelhos, Descrição: A doença arterial obstrutiva periférica está presente em 5% da população e em cerca de 20 a 30% dos casos pode evoluir para amputação do membro inferior acometido, mesmo com os tratamentos hoje existentes. Por isso, justifica-se a busca por novas técnicas para controle da evolução da doença. Pesquisas recentes envolvendo células tronco e engenharia celular apontam para um futuro promissor com base na terapêutica regenerativa e substitutiva de tecidos. A terapia celular é um ramo da medicina regenerativa e consiste em três vertentes terapêuticas: condutiva, a qual se refere ao re-estabelecimento autônomo das células através de estímulo externo; indutiva, em que fatores de crescimento são adicionados à célula para que esta se regenere. As células-tronco perfazem a terceira vertente e são utilizadas na terapia celular para regeneração tecidual. O desafio deste estudo está relacionado a terceira vertente acima mencionada, focalizando o aprimoramento das técnicas de engenharia celular, com a finalidade de produzir um substituto arterial autólogo in vitro, utilizando células tronco mesenquimais (CTM) de tecido adiposo de coelho que serão cultivadas sob um ?scaffold?e/ou biomaterial descelularizado. Em seguida, estas CTM serão diferenciadas em tecido endotelial e tecido muscular liso de forma a mimetizar a parede do vaso sanguíneo. Futuramente, esse modelo poderá vir a ser aplicado em enxertos vasculares (by-pass) que atualmente se faz através do uso da veia safena magna autóloga ou com o uso de próteses sintéticas inorgânicos, as quais podem provocar a rejeição. Dessa forma, espera-se contribuir para o desenvolvimento de novas alternativas para o tratamento dos pacientes portadores de insuficiência arterial.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 1999 - 2002

    Produção de Anticorpos Monoclonais Anti-produto de degradação do fibrinogênio/fibrina humano, Descrição: O processo hemostático para a formação do trombo é iniciado um complexo de substância denomiadas ativadores da protrombina que fará a conversão desta em trombina. Por sua vez, a trombina age sobre a molécula de fibrinogênio convertendo-o em fibrina. As novas técnicas de engenharia celulares avançaram muito nas últimas décadas. Entre os avanços destaca-se a produção de anticorpos monoclonais murinos (AcMm) e humanos segundo Köhler e Milstein(1975). Os hemoderivados obtidos através de AcMm possuem uma qualidade inquestionável quanto à pureza sendo a maioria obtida somente no mercado internacional. A obtenção de AcMm contra o produto de degradação fibrinogênio/fibrina humano terá sua utilização nas rotinas laboratoriais contribuindo para o diagnóstico de inúmeras patologias. Camundongos Balb/c foram imunizados com: crioprecipitado ( protocolo ROSOB), fibrinogênio purificado pelo método de Kazal e cols. modificado ( protocolo CRIS), fibrinogênio comercial ( protocolo FIB), fragmento D comercial ( protocolo DIM). As células esplênicas do animal imunizado foram fusionadas com células mielomatosas NS1-1 e os híbridos foram selecionados levando em consideração os apectos genéticos HGPRT negativos do mieloma e positivo das células híbridas. Os anticorpos obtidos foram testados pela técnica ELISA, dot blot, testes de inibição e caractereizados por imunoblotting, sendo que o peso molecular da proteína que cada anticorpo reconhecia foi determinado após análise por imagem comparativa (VDS)-Amersham Pharmacia Biotech. As classes e sub-classes de imunoglobulinas foram determinadas pelo método de imunodifusão radial e confirmadas por citometria de fluxo.A monoclonalidade foi estabelecida pela eletroforese em gel de agarose. Os anticorpos obtidos reconhecem produtos de degradação do fibrionogênio: anti-produto de degradação do fagmento Y ( anticorpo reconhecendo proteínas de PM 50.700 e 40.300 daltos) e anti- fragmento D ( anticorpo reconhecendo proteína de PM= 32.400 dalton.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Cristiane Aparecida Ferino - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 1996 - 2001

    Produção de Anticorpos Monoclonais anti-Fator VIII da coagulação, expansão clonal e domínio da tecnologia de produção em larga escala, Descrição: CONTROLE DE QUALIDADE DE HEMODERIVADOS: QUALIDADE DE VIDA DO HEMOFÍLICO. Deffune, Elenice, Ferreira-Rossi, Rosana, Guimarães, Fátima Regina e Machado, Paulo Eduardo de Abreu. Hemocentro de Botucatu-Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina-UNESP. O desenvolvimento de talentos na área da saúde para o atendimento universal, multiprofissional e de qualidade para os hemofílicos é um dos desafios das últimas décadas.Envolvidos em processos dolorosos mundiais, fruto de utilização de produtos lábeis ou hemoderivados de padrão questionáveis, os hemofílicos foram assolados pelo HIV. O esforço biotecnológico mundial trouxe excelentes resultados obtendo produtos cada vez mais puros, específicos e viro-inativados. No entanto, estes produtos distribuídos no mundo todo, nem sempre tem seu transporte com a cadeia de frios que necessitam e podem ser alterados, prejudicados e mesmo ter total ineficácia terapêutica. Preocupados com a falta de controle pós-compra elaboramos um projeto de produção de anticorpos monoclonais murinos (AcMm) dirigidos contra fator VIII da coagulação com o intuito de obter uma ferramenta tecnológica para controle e validação dos produtos, antes da liberação para uso terapêutico em cada serviço. Os AcMm foram obtidos após a imunização de um grupo de camundongos, por via intraperitoneal, com FVIII natura cuja fonte foi crioprecipitado com intervalo de 21 dias entre as injeções. Após 45 dias retiramos o baço dos animais, recuperamos as células esplênicas e fusionamos as mesmas com células de mieloma murino segundo o método descrito por Köhler & Milstein (1975). Após o processo de fusão, os hibridomas foram distribuídos em placas de cultura e os híbridos viáveis foram retidos e testados quanto à sua especificidade. Os híbridos considerados de alta reatividade foram clonados e estabilizados durante os 4 primeiros meses de cultura, depois expandidos in vitro (cultura) e in vivo.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante., Financiador(es): Financiadora de Estudos e Projetos - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 2

  • 1996 - 1998

    Estudo dos Antígenos Leucocitários Suínos e Tolerização objetivando Xanotransplante., Descrição: A crescente demanda de órgãos para transplantes versus a também crescente dificuldade em obter órgãos para os referidos transplantes tem aumentado a fila de espera, o que tem determinado, só no estado de São Paulo, um grande número de óbitos. Para contribuir com o avanço tecnológico e produzir marcadores que propiciarão no futuro o monitoramento de prováveis órgãos oriundos de animais preparados para transplantes de órgãos, estabelecemos protocolos de obtenção e caracterização de anticorpos monoclonais murinos dirigidos contra antígenos eritrocitários de suínos Large White.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Alexandre Krause - Integrante / Ana Paula Ehrandt Oliveira - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1

  • 1994 - 1998

    Expansão clonal de anti-A, anti-B e anti-AB para uso em bancada, Descrição: Após a implantação do Laboratório de produção de anticorpos Monoclonais murinos a Divisão Hemocentro inciou uma nova fase de produção de insumos por biotecnologia. Os anticorpos anti-A, anti-B e anti-AB para a tipagem sangüínea rotineira foi validado por testes em paralelo com duas diferentes fontes comerciais de reagentes, obtendo desempenho superior numa amostragem de mais de 100.000 tipagens sangüíneas. Uma vez validados, entrou-se na fase de expansão clonal e produção de lotes de reagentes para uso interno em bancada, sem comercilização. Desta forma, isentos de registro no Ministério da Saúde.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Fátima Regina Guimarães - Integrante / Tania Rosalem - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 5

  • 1994 - 1998

    Produção de Anticorpos monoclonais dirigidos contra antígenos eritrocitários humanos, Descrição: Utilizando o avanço tecnológico da engenharia celular, implantamos no hemocentro de Botucatu o laboratório de produção de Anticorpos Monoclonais com objetivo claro de produzir insumos para a bancada da hemoterapia. Este objetivo era calcado na c]necessidade do serviço utilizar insumos de origem biotecnológico, mais seguros, mais precisos, porem de alto custo. Tendo em vista o término do contrato com a Universidade, este projeto teve continuidade com a contratação da pesquisadora, pelas regras CLT, para não haver descontinuidade do mesmo. Vários sub-produtos deste projeto inicial dão margem hoje à outras teses de mestrado e doutorado.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (4) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Tânia Rosalem - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 10 / Número de orientações: 6

  • 1993 - 1994

    Obtenção, Caracterização e Validação de anticorpos monoclonais anti-A, anti-B e anti-AB, Descrição: Em 1992, com a implantação do laboratório de produção de anticorpos monoclonais, a linha mestra de pesquisa ficou estabelecida como sendo a produção de anticorpos monoclonais dirigidos contra antígenos eritrocitários humanos que viessem após a padronização, validação e registro, substituir os reagentes de bancada vigentes naquela época no país, na sua maior parte, de origem policlonal. A origem mencionada dos anticorpos largamente comercializados no país, é humana, o que confrontava e confronta com a constituição federal que proíbe comercialização dos sangue e de seus derivados. Com intuito de obter anticorpos melhores para uso em bancada, respeitar a constituição brasileira e por questões de biossegurança, melhorar a qualidade de vida dos trabalhadores dos laboratórios de imunohematologia, os três mais usados anticorpos de uso imunohematolõgico foram produzidos.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 3

  • 1992 - 1993

    Implantação da Tecnologia de Produção de Anticorpos Monoclonais, Descrição: Depois de mestrado e doutorado na área de biotecnologia aplicada à transfusão, com teses realizadas no Institut National de Transfusion Sanguine de Paris/ Université Pierre et Marie Curie/Paris VI/França, o desafio foi a implantação do laboratório de engenharia celular voltado à produção de anticorpos monoclonais murinos para uso em bancada com fins hemoterápicos. Em meados de abri/maio de 1992 começou a tramitação na universidade para que pudesse me submeter ao concurso para a vaga de pesquisadora. Tão logo isto foi possível, com o despacho do reitor publicado 27/5/1992, processo 1011-92-FM-Bo, dei início à implantação dom referido laboratório. Inicialmente realizei uma auditoria para analisar as práticas laboratoriais e as condições de biossegurança e técnicas. Esta auditoria levou à implantação do grupo, que posteriormente se tornou Comitê de Biossegurança, Qualidade e Bioética, para a padronização dos procedimentos e adequação dentro de padrões interncaionais de qualidade. A grande dificuldade incial foi a aquisição de nitrogênio líquido para a manutenção dos clones a serem produzidos. Em dezembro de 1992 consegui obter o primeiro sucesso em cultura celular, após vários problemas, todos ligados às deficiêcnias de infra-estrutura e treinamentoi de equipe. O investimento inicial para equipar o laboratório vieram fundamentalmente da Secretaria Estadual de Saúde e FINEP.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (4) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Tânia Rosalem - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2014 - Atual

    NEOFORMAÇÃO ÓSSEA: RETALHO DE GÁLEA E PERIÓSTEO PREENCHIDO COM CÉLULAS TRONCO MESENQUIMAIS. ESTUDO EM COELHO., Descrição: Trata-se do trabalho de doutorado da aluna Ryane Schmidt Brock, orientada do Prof. Fausto Viterbo, sendo que a parte da dissociação, expansão e caracterização das CTM de tecido adiposo são feitas em colaboração com o Laboratório de Engenharia Celular.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (0) Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Fausto Viterbo - Coordenador / Ryane Schmidt Brock - Integrante / Camila Juliane Sena Maleski - Integrante.

  • 2013 - Atual

    TRANSPLANTE TRAQUEAL EM RATOS UTILIZANDO TÉCNICAS DE RECONSTITUIÇÃO DE VIA AÉREA HOMÓLOGA COM CÉLULAS AUTÓLOGAS POR ENGENHARIA TECIDUAL, Descrição: A utilização de matriz extracelular como suporte biológico possui a vantagem e poder ser recelularizada com células do receptor. A recelularização do suporte biológico (matriz extracelular) é realizada por células autólogas cultivadas (epitélio respiratório) e condrócitos. Fundamentados na hipótese de que a reconstituição da via aérea homóloga com células autólogas utilizando-se técnica de engenharia tecidual é exequível, desenhamos um estudo experimental como objetivo de avaliar a viabilidade dos enxertos traqueais descelularizados e recelularizados em um modelo experimental de transplante traqueal em ratos.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristina Evaristo - Integrante / Paulo Francisco Guerreiro Cardoso - Integrante / Paulo Manoel Pego Fernandes - Integrante / Rogério Pazzetti - Integrante / Daniele Cristina Cataneo - Integrante.

  • 2013 - Atual

    AVALIAÇÃO DA REOLOGIA DAS CÉLULAS TRAQUEAIS ISOLADAS ATRAVÉS DA CITOMETRIA MAGNÉTICO ÓPTICA DE OSCILAÇÃO (OMTC), Descrição: A confecção de neotraquéia a partir de engenharia tecidual combina processos de descelularização de aloenxertos traqueais com subsequente recelularização do enxerto. A engenharia de tecidos permite que as traquéias descelularizadas possam ser recelularizadas com condrócitos diferenciados a partir de cultura de células-tronco mesenquimais de tecido adiposo e células epiteliais respiratórias (CERs) obtidas do próprio receptor. Apesar da similaridade do epitélio respiratório e da musculatura lisa produzidos por técnicas de engenharia tecidual, pouco se sabe sobre as possíveis alterações do citoesqueleto destas células geradas em cultura, bem como seu impacto nas propriedades mecânicas intrínsicas da traquéia própriamente dita. O objetivo do presente estudo é o de avaliar-se o comportamento da microreologia celular da traquéia in vitro através da OMTC comparando-se células cultivadas à partir de traquéias normais com células utilizadas para a recelularização traqueal... , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristine Evaristo - Integrante / Paulo Francisco Guerreiro Cardoso - Integrante / Adriano Alencar - Integrante.

  • 2013 - Atual

    ESTUDO DAS PROPRIEDADES VISCOELÁSTICAS DE TRAQUEIAS RECONSTRUÍDAS POR ENGENHARIA DE TECIDOS UTILIZANDO UM AMBIENTE DE AVALIAÇÃO DE MECÂNICA RESPIRATÓRIA POR IMAGEM., Descrição: O presente estudo experimental tem por objetivo avaliar as propriedades mecânicas de traqueias in vitro, comparando o comportamento de traqueias normais de ratos versus traqueias descelularizadas e recelularizadas por engenharia tecidual. Para tal, será utilizado uma nova instrumentação composta de ambiente de processamento de imagens e condicionamento/estimulação de tecidos, desenvolvidos recentemente no Laboratório de Engenharia Biomédica-Escola Politécnica-USP. Tal tecnologia é inédita e as análises preliminares da mecânica de traqueias descelularizadas, recelularizadas e normais, demonstram a capacidade do equipamento em executar as medidas de interesse... , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristine Evaristo - Integrante / Paulo Francisco Guerreiro Cardoso - Integrante / Daniele Cristina Cataneo - Integrante / Henrique Takachi Moriya - Integrante.

  • 2012 - Atual

    Estudo Multicêntrico do uso de Biocurativo no tratamento de feridas crônicas, Descrição: O Laboratório de Engenharia Celular, vem desde 2001 mantendo linha de pesquisa na área de curativos bioativos, denominados de Biocurativos. Atualmente, 3 produtos já foram validados em fase clínica I (humanos) sob aprovação do CONEP. Com o objetivo de avaliar a experiência de outros centros brasileiros com o uso dos produtos aqui desenvolvidos, delineou-se este projeto com a participação de 3 diferentes estados brasileiros.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Coltrim, OS - Integrante., Financiador(es): Fundo Nacional de Saúde Ministério da Saúde - Auxílio financeiro.

  • 2010 - 2012

    IMPLANTE DE CÉLULAS-TRONCO MESESENQUIMAIS AUTÓLOGAS ASSOCIADAS AO PRP EM TENDINITES EXPERIMENTAIS EM EQUINOS, Descrição: A tendinite do flexor digital superficial (TFDS) é uma das lesões mais comuns em eqüinos de alto desempenho, acarretando em uma significante morbidade e grande perda econômica na indústria eqüestre. Existem vários tipos de tratamentos descritos na literatura, que têm contribuído de forma significativa para o restabelecimento da morfo-fisiologia do tendão. No entanto há um campo fértil para inovar e melhorar a qualidade da matriz extracelular da estrutura tendínea. Com o advento da biotecnologia, a medicina regenerativa vem evoluindo significativamente e já existem trabalhos promissores no emprego de terapia celular e implante de plasma rico em plaquetas (PRP) na tendinite eqüina. Este trabalho tem como objetivo o implante autólogo de células-tronco mesenquimais (CTM) derivadas do tecido adiposo associada ao PRP em um dos membros torácicos de eqüinos com TFDS, que será induzida pelo emprego da colagenase. Os animais serão avaliados por parâmetros clínicos, exames de ultrassonografia, doppler-sonografia e após as biópsias a serem realizadas no 40o dia para avaliação do homing celular, ou seja, transporte dessas células do membro implantado (tratado) para o membro contralateral (controle); e no 150o dia do experimento, serão verificadas as características histológicas, imunoistoquímicas e avaliação da expressão gênica tendínea. Resumo em Inglês Objetivos 1. Objetivos gerais 1.1 Avaliação da eficácia da associação das células-tronco mesenquimais derivadas do tecido adiposo e o plasma rico em plaquetas na reparação tecidual do tendão. 1.2 Monitoramento das células-tronco autólogas inoculadas (homing celular), através da expressão das CTM marcadas com nanocristal quantum dot (Qtraker 655®). 2. Objetivos específicos 2.1 Caracterização imunofenotípica da superfície das células-tronco mesenquimais utilizando os marcadores CD44, CD90. 2.2 Avaliação do efeito do tratamento frente a parâmetros clínicos do aparelho locomotor eqüino. 2.3 Avaliação do efeito do tratamento f. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2011

    Produção de materiais nanoparticulados para processos baseados em imunocitoquímica, Descrição: PROJETO MULTICENTRICO SOB A COORDENAÇÃO PROF. SIDNEY RIBEIRO: Este projeto tem como meta principal a formação de uma rede internacional multidisciplinar envolvida na formação de mão de obra qualificada na área de nanomateriais com aplicação em medicina (4 doutores, 8 estágios de pós-doutoramento e estágios de estudantes de graduação). Os objetivos intermediários científicos a serem atendidos podem ser definidos como: -preparação de nanopartículas de óxidos de silício, alumínio, polímeros, contendo compostos luminescentes orgânicos e/ou de íons lantanídeos para calibração de citômetros de fluxo; -Validar aumento de vida de prateleira e sustentabilidade do produto sem proteção à luz em comparação com os produtos comerciais; -Isolamento de anticorpos monoclonais (ex. anti-linfócito B, anti-linfocito T, anti-leucócito, anti-mesenquimal) e acoplamento à nanopartículas magnéticas (ex. cobalto) para separação celular por seleção magnética positiva e negativa de populações celulares específicas*; -Desenvolvimento e caracterização de nanopartículas biodegradáveis luminescentes, e nanopartículas contendo quimioterápicos, ambas funcionalizadas por anticorpos monoclonais específicos; -Avaliação da capacidade de internalização de nanopartículas luminescentes funcionalizadas com mAbs anti-linfócitos B; -Estudo dinâmico de morte celular, in vitro, com co-cultivo de linhagem de linfoma B em presença de nanopartículas biodegradáveis funcionalizadas por anticorpos monoclonais anti-linfocitos B e também contendo quimioterápicos; -Realizar o seqüenciamento molecular da região dos clones codificadora das imunoglobulinas de interesse, de modo a se deter a originalidade, característica vinculada à patenteabilidade do produto. * corresponde às atividades a serem desenvolvidas na UNESP-BOTUCATU JUSTIFICATIVA PARA IMPLEMENTAÇÃO DO PROJETO: Este projeto visa a formação de uma rede interdisciplinar envolvendo químicos, físicos, biólogos, engenheiros químicos, biomédicos. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Priscila Murador - Integrante / Flávia Cilene Alves - Integrante / Michele Valério - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.

  • 2009 - 2011

    Proposta de modelo experimental de neotraquéia em coelho utilizando técnicas de engenharia de tecidos, Descrição: Injúrias traqueais são problemas na prática cirúrgica, pois apresentam dificuldades no tratamento. A engenharia tecidual (ET) consiste na regeneração de órgãos, através do recrutamento de tecidos do paciente, dissociados em células que são cultivadas sobre suportes biológicos ou sintéticos, para serem reinseridos no paciente; sendo a única técnica para substituição traqueal que fornece promessa real. A ET já tornou possível a substituição traqueal em paciente que apresentava estenose traqueobrônquica melhorando a qualidade de vida. Assim é possível construir uma neotraquéia com propriedades mecânicas que permitem a fisiologia normal, sem riscos de rejeição, provando que, células autólogas combinadas com biomateriais apropriados podem fornecer soluções funcionais em situações cirúrgicas complexas. O maior desafio é construir por meio de técnicas de ET uma via respiratória funcional que seja uniforme e altamente eficiente na cultura celular na superfície externa e interna da matriz tubular tridimensional, co-cultivando diferentes tipos celulares. Estabelecer um protocolo de modelo experimental de neotraquéia sobre uma estrutura tridimensional autóloga recobrindo-a externamente com o tecido cartilaginoso e internamente com epitélio respiratório é o desafio deste projeto.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado profissional: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Sérgio Felisbino - Integrante / Thaiane Cristina Evaristo - Integrante / Flávia Cilene Alves - Integrante / Raul Ruiz Junior - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2011

    Estudo comparativo de Gel de Plaquetas home made versus Hidrocolóide no processo de cicatrização de úlceras crônicas de etiologia venosa, Descrição: A úlcera de extremidades de membros inferiores representa uma patologia com alta incidência e prevalência afetando de 1 a 3% da população nos países em desenvolvimento. A etiologia vascular é a principal causa com 75 a 90% dos casos. A úlcera venosa dos membros inferiores é um problema comum nos países ocidentais, causando significante impacto socioeconômico. Diversos tipos de curativos têm sido desenvolvidos e estão disponíveis no mercado, sendo o acesso aos mesmos, limitado. Entre os diferentes curativos no mercado aqueles com fatores de crescimento usam mediadores biológicos naturais caracterizados como peptídeos com receptores teciduais. O Hemocentro de Botucatu vem desenvolvendo um hemocomponente de uso tópico a partir de produto excedente da pratica transfusional: plasma fresco congelado e concentrado de plaquetas(CP). As moléculas sinalizadoras (fatores de crescimento) solúveis, presentes no CP são integrantes fundamentais da nova apresentação denominada Gel de Plaquetas ou Biogel. Este produto favorece a migração, a proliferação e a diferenciação celular contribuindo para a modulação da resposta cicatricial. Este trabalho se propõe a aprimorar o gel de plaquetas laminar (Biogel), tendo em vista que a degranulação das plaquetas levam à liberação de inúmeros fatores: do aracdonato, prostaglandina PGE2, tromboxano (TXA), fator de agregação plaquetária (PAF), fator de crescimento derivado de plaquetas (PDGF) e vascular endotelial (VEGF) além daqueles derivados de fibroblastos (FGF), fator epidermal (EGF), e do fator transformador de crescimento β (TGF-β). Além de padronizar a dose-aplicação, esta pesquisa propõe comparar o desempenho do Biogel com o Hidrocolóide existente no mercado.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Aun - Integrante / Mariele Gobo - Integrante.

  • 2007 - 2010

    Avaliação de aspectos fisiológicos e cinéticos chaves do cultivo de hibridomas para produção de imunoglobulinas de uso hemoclassificatório, Descrição: : O objetivo desta pesquisa é avaliar as características fisiologicas e cinéticas de três hibridomas visando o desenvolvimento de um bioprocesso para produção otimizada de três anticorpos monoclonais a serem utilizados na tipagem sanguínea pelo sistema ABO, os quais são atualmente importados pelo sistema de saúde Brasileiro. Os hibridomas serão cultivados em escala de laboratório em duas etapas. Na primeira, os cultivos serão realizados em frascos spinner para conhecer várias características fisiológicas dos hibridomas que permitam identificar parâmetros relativos ao cultivo passíveis de melhora como comosião do meio de cultura, temperatura, pH e oxigenação. Numa segunda etapa, tendo melhorado as condições de cultivo dos hibridomas, serão feitos experimentos em biorreator de aprox. 1L para a obtenção de dados sobre cinética de crescimento e de produção dos anticorpos monoclonais. De posse das informações obtidas nas duas etapas será feito uma análise de engenharia de processo para definir estratégias de operação do biorreator que conduzam a altas produtividades dos anticorpos monoclonais que deverão ser validadas em experimentos de cultivo no mesmo biorreator. Os resultados finais obtidos serão utilizados para o delineamento de um bioprocesso para produção em escala piloto de cada anticorpo monoclonal. Os estudos de aumento de escala (industrial) serão deixados para uma pesquisa posterior, uma vez que os custos para este tipo de estudo são bem maiores. Os resultados da pesquisa são do interesse da Empresa Brasileira de Hemoderivados e Biotecnologia (Hemobras), co-participe desta pesquisa.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Suazo, CAT - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2007 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais anti-Taenia Saginata, Descrição: Projeto em parceria com professora Cáris Nunes da UNESP de Araçatuba.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Josy Campanhã Vicentini - Integrante / Caris Maroni - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1

  • 2007 - 2009

    Caracterização de anticorpos monoclonais anti-CD45, Descrição: Este projeto tem como objeto a caracterização e validação de clones anti-CD45 obtidos pelo Laboratório de Engenharia Celular do Hemocentro de Botucatu. A validação realizada tem como objetivo o uso em citometria de fluxo com marcação com isotiocianato de fluoroceína e em imunohistoquímica testando pela tecnologia de Tissue array em colaboração com Departamento de Patologia do HC-FMB/UNESP.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Marjorie de Assis Golim - Integrante / Luciandro Sodré - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 1

  • 2005 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais de Uso Hemoterápico, Descrição: Trata-se da otimização de clones existentes e da produção de novos clones para uso em hemoterapia. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Especialização: (1) / Mestrado profissional: (3) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Marina de Souza - Integrante / Daniel Bassetto Jesuíno - Integrante / Elaine Navarro - Integrante / Aparecida Vitória G. Souza - Integrante., Financiador(es): Agência Nacional de Vigilância Sanitária - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 8

  • 2005 - 2007

    Construção de Área limpa e Laboratório Classificado NB3 para a produção de anticorpos monoclonais anti-RSV, Descrição: A construção de área limpa classificada 10.000 e de um laboratório de contenção de nivel 3 de segurança - NB3 trata-se de uma proposta cooperada dentro do Genoma Vírus financiado pela Fapesp sob a coordenação da Profa. Dra. Maria Inês de Moura Campos Pardini. O Laboratório de Engenharia celular obteve esta área física contemplada dentro do compromisso do desenvolvimento de anticorpos monoclonais anti proteína F do RSV ( vírus sincicial respiratório) responsável por enfermidades graves em crianças no mundo todo. A proposta é a produção do anticorpo monoclonal a partir da proteína F pruduzida por tecnologia recombinante pelo grupo cooperado do Genoma Vírus.. , Situação: Desativado; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (2) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Maria Inês de Moura Campos Pardini - Coordenador / Andrei Moroz - Integrante / Marina de Oliveira - Integrante / Elaine Navarro - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2005 - 2006

    Desenvolvimento de Insumos estratégicos para acompanhamento de pacientes com AIDS - UNESCO, Descrição: Monoclonal antibodies (mAbs) are identical because they were produced by one type of immune cell. Antigen is injected into mice some of the immune system B-cells will turn into plasma cells and start to produce antibodies. B-cells from mice spleen are removed and fused with myeloma tumor cells (NS1) that grow indefinitely in culture originating hybridomas. These are cloned, so that one obtains a number of different colonies, each producing only one type of antibody. When the clone cells are injected in the peritoneal cavity mice, they produce tumors containing an antibody-rich fluid called ascitic fluid. The purpose of the development of these mAbs is for application to the differential diagnosis of B-cell disorders. Patient Cells with B-cell chronic lymphocytic leukemia were immunophenotyping by flow cytometry (FC) for determination of the immunogens (human lymphocyte B - HLB). Peripheral blood mononuclear cells were isolated from whole blood samples using density gradient centrifugation. Twenty-five BALB/c mice were immunized intraperitoneally with HLB. The spleen was removed, a cell suspension produced was fused using polyethylene glycol with NS1/HLB cells and plated out into HAT-selective growth medium. The cultures were incubated for approximately until significant colony growth was apparent. The hybrids supernatant culture that demonstrated a better performance were collected and tested by FC (screening) for the presence of the appropriate mAbs. Cells from positive wells were single-cell cloned. Screening was repeated for the confirmation of the especificity of mAb, proceeded in vivo expansion for attainment from high-titered solution of mAb - ascitic fluid. The cellular fusion resulted in 1248 hybridomas, of which 22 were positive by FC and subsequently cloned resulting 29 clones. These 29 tested by FC staining 20 were strongly positive, so that the clone cells are injected in 100 mice to produced ascitic fluid.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Marjorie de Assis Golim - Integrante / Renata Bittencourt - Integrante / Marina Oliveira - Integrante., Financiador(es): Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais em Hemoterapia, Descrição: O projeto intitulado Produção e Validação de reagentes monoclonais para uso Hemoterápico foi apresentado a Agência Nacional de Vigilância Sanitásria - ANVISA, recebendo parecer favorável tendo sido efetuado convênio com a Fundação para o Desenvolvimento Médico Hospitalar - FAMESP, conênio 030/2004 para o repasse de recursos financeiros que viabilizarão até meados de 2006 o registro de anticorpos monoclonais produzidos e validados no Brasil. Coordenador do Projeto. Alunos envolvidos: Iniciação científica 2, especialização 1 e mestrado 2.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante / Andrei Moroz - Integrante / Carlos Tognolli - Integrante / Débora Botéquio - Integrante., Financiador(es): Agência Nacional de Vigilância Sanitária - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 7 / Número de orientações: 3

  • 2004 - 2008

    Produção e validação de Anticorpos monoclonais de uso Médico, Descrição: Durante o treinamento de recursos humanos de áreas estratégicas do país (Piauí, Acre) identificamos o grave problema de fornecimento de material diagnóstico em pequena quantidade para áreas distantes, muito quentes, cujo forncedor coloca preço proibitivo para os insumos, obrigando muitas vezes o serviço a usar insumos vencidos. Com objetivo de registrar insumos junto à anvisa, propusemos este projeto, cujos produtos obtidos, validados e registrados serão disponibilizados para as áreas brasileiras com menor recursos financeiro, com intuito de garantir uma transfusão eficaz e segura em qualquer ponto de território brasileiro. O projeto foi submetido ao CNPq tendo sido aprovado. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Rita de Cássia Alvarado - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 34 / Número de orientações: 12

  • 2003 - 2010

    Desenvolvimento de cola de fibrina home made para uso tópico, Descrição: Trata-se da obtenção de cola de fibrina a partir de plasma excedente. Este projeto contém etapas intermediárias, entre elas, a fase devalidação do plasma excedente através das determinações de Fatores V, VIII, IX, XIII, fibrinogênio, fibronectina, PDGF e VEGF. Outra etapa configura-se com a purificação da trombina humana. A terceira etapa é a formação da cola de fibrina home made, considerado hemocomponente de uso tópico. Tal hemocomponentes, oiu biocurativo vem sendo aplicado, com a respectiva autorização do CONEP em seres humanos para a cicatrização de feridas crônicas de etiologia venosa.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado profissional: (4) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Danielle Morais - Integrante / Illymach Canedo Ferreira de Araújo - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante., Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 4

  • 2002 - 2004

    Uso de Biocurativo nas úlceras de pressão, Descrição: Produção de biocurativo: constituição de pasta dermatológica modificada e enriquecida com proteínas humanas concentradas oriundas da preparação de crioprecipitado. Esta pasta foi enriquecida com altas concentrações de fibrinogêncio, fibronectina, vit A, flavonóides, Vit. C, entre outros elementos anti-oxidantes e testados em animais e posteriormente à aprovação do Conep, foi usada para a cicatrização de úlceras de pressão em pacientes cujo tratamento clássico não cicatrizava a lesão. Trata-se de obtenção de cola de fibrina home made, de origem integralmente humana.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Marla Andréia Garcia - Integrante / Gilsara Alves - Integrante., Número de orientações: 1

  • 2001 - Atual

    Estruturação ex-vivo de vasos sanguíneos a partir da diferenciação de células tronco de coelhos, Descrição: A doença arterial obstrutiva periférica está presente em 5% da população e em cerca de 20 a 30% dos casos pode evoluir para amputação do membro inferior acometido, mesmo com os tratamentos hoje existentes. Por isso, justifica-se a busca por novas técnicas para controle da evolução da doença. Pesquisas recentes envolvendo células tronco e engenharia celular apontam para um futuro promissor com base na terapêutica regenerativa e substitutiva de tecidos. A terapia celular é um ramo da medicina regenerativa e consiste em três vertentes terapêuticas: condutiva, a qual se refere ao re-estabelecimento autônomo das células através de estímulo externo; indutiva, em que fatores de crescimento são adicionados à célula para que esta se regenere. As células-tronco perfazem a terceira vertente e são utilizadas na terapia celular para regeneração tecidual. O desafio deste estudo está relacionado a terceira vertente acima mencionada, focalizando o aprimoramento das técnicas de engenharia celular, com a finalidade de produzir um substituto arterial autólogo in vitro, utilizando células tronco mesenquimais (CTM) de tecido adiposo de coelho que serão cultivadas sob um ?scaffold?e/ou biomaterial descelularizado. Em seguida, estas CTM serão diferenciadas em tecido endotelial e tecido muscular liso de forma a mimetizar a parede do vaso sanguíneo. Futuramente, esse modelo poderá vir a ser aplicado em enxertos vasculares (by-pass) que atualmente se faz através do uso da veia safena magna autóloga ou com o uso de próteses sintéticas inorgânicos, as quais podem provocar a rejeição. Dessa forma, espera-se contribuir para o desenvolvimento de novas alternativas para o tratamento dos pacientes portadores de insuficiência arterial.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 1999 - 2002

    Produção de Anticorpos Monoclonais Anti-produto de degradação do fibrinogênio/fibrina humano, Descrição: O processo hemostático para a formação do trombo é iniciado um complexo de substância denomiadas ativadores da protrombina que fará a conversão desta em trombina. Por sua vez, a trombina age sobre a molécula de fibrinogênio convertendo-o em fibrina. As novas técnicas de engenharia celulares avançaram muito nas últimas décadas. Entre os avanços destaca-se a produção de anticorpos monoclonais murinos (AcMm) e humanos segundo Köhler e Milstein(1975). Os hemoderivados obtidos através de AcMm possuem uma qualidade inquestionável quanto à pureza sendo a maioria obtida somente no mercado internacional. A obtenção de AcMm contra o produto de degradação fibrinogênio/fibrina humano terá sua utilização nas rotinas laboratoriais contribuindo para o diagnóstico de inúmeras patologias. Camundongos Balb/c foram imunizados com: crioprecipitado ( protocolo ROSOB), fibrinogênio purificado pelo método de Kazal e cols. modificado ( protocolo CRIS), fibrinogênio comercial ( protocolo FIB), fragmento D comercial ( protocolo DIM). As células esplênicas do animal imunizado foram fusionadas com células mielomatosas NS1-1 e os híbridos foram selecionados levando em consideração os apectos genéticos HGPRT negativos do mieloma e positivo das células híbridas. Os anticorpos obtidos foram testados pela técnica ELISA, dot blot, testes de inibição e caractereizados por imunoblotting, sendo que o peso molecular da proteína que cada anticorpo reconhecia foi determinado após análise por imagem comparativa (VDS)-Amersham Pharmacia Biotech. As classes e sub-classes de imunoglobulinas foram determinadas pelo método de imunodifusão radial e confirmadas por citometria de fluxo.A monoclonalidade foi estabelecida pela eletroforese em gel de agarose. Os anticorpos obtidos reconhecem produtos de degradação do fibrionogênio: anti-produto de degradação do fagmento Y ( anticorpo reconhecendo proteínas de PM 50.700 e 40.300 daltos) e anti- fragmento D ( anticorpo reconhecendo proteína de PM= 32.400 dalton.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Cristiane Aparecida Ferino - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 1996 - 2001

    Produção de Anticorpos Monoclonais anti-Fator VIII da coagulação, expansão clonal e domínio da tecnologia de produção em larga escala, Descrição: CONTROLE DE QUALIDADE DE HEMODERIVADOS: QUALIDADE DE VIDA DO HEMOFÍLICO. Deffune, Elenice, Ferreira-Rossi, Rosana, Guimarães, Fátima Regina e Machado, Paulo Eduardo de Abreu. Hemocentro de Botucatu-Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina-UNESP. O desenvolvimento de talentos na área da saúde para o atendimento universal, multiprofissional e de qualidade para os hemofílicos é um dos desafios das últimas décadas.Envolvidos em processos dolorosos mundiais, fruto de utilização de produtos lábeis ou hemoderivados de padrão questionáveis, os hemofílicos foram assolados pelo HIV. O esforço biotecnológico mundial trouxe excelentes resultados obtendo produtos cada vez mais puros, específicos e viro-inativados. No entanto, estes produtos distribuídos no mundo todo, nem sempre tem seu transporte com a cadeia de frios que necessitam e podem ser alterados, prejudicados e mesmo ter total ineficácia terapêutica. Preocupados com a falta de controle pós-compra elaboramos um projeto de produção de anticorpos monoclonais murinos (AcMm) dirigidos contra fator VIII da coagulação com o intuito de obter uma ferramenta tecnológica para controle e validação dos produtos, antes da liberação para uso terapêutico em cada serviço. Os AcMm foram obtidos após a imunização de um grupo de camundongos, por via intraperitoneal, com FVIII natura cuja fonte foi crioprecipitado com intervalo de 21 dias entre as injeções. Após 45 dias retiramos o baço dos animais, recuperamos as células esplênicas e fusionamos as mesmas com células de mieloma murino segundo o método descrito por Köhler & Milstein (1975). Após o processo de fusão, os hibridomas foram distribuídos em placas de cultura e os híbridos viáveis foram retidos e testados quanto à sua especificidade. Os híbridos considerados de alta reatividade foram clonados e estabilizados durante os 4 primeiros meses de cultura, depois expandidos in vitro (cultura) e in vivo.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante., Financiador(es): Financiadora de Estudos e Projetos - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 2

  • 1996 - 1998

    Estudo dos Antígenos Leucocitários Suínos e Tolerização objetivando Xanotransplante., Descrição: A crescente demanda de órgãos para transplantes versus a também crescente dificuldade em obter órgãos para os referidos transplantes tem aumentado a fila de espera, o que tem determinado, só no estado de São Paulo, um grande número de óbitos. Para contribuir com o avanço tecnológico e produzir marcadores que propiciarão no futuro o monitoramento de prováveis órgãos oriundos de animais preparados para transplantes de órgãos, estabelecemos protocolos de obtenção e caracterização de anticorpos monoclonais murinos dirigidos contra antígenos eritrocitários de suínos Large White.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Alexandre Krause - Integrante / Ana Paula Ehrandt Oliveira - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1

  • 1994 - 1998

    Expansão clonal de anti-A, anti-B e anti-AB para uso em bancada, Descrição: Após a implantação do Laboratório de produção de anticorpos Monoclonais murinos a Divisão Hemocentro inciou uma nova fase de produção de insumos por biotecnologia. Os anticorpos anti-A, anti-B e anti-AB para a tipagem sangüínea rotineira foi validado por testes em paralelo com duas diferentes fontes comerciais de reagentes, obtendo desempenho superior numa amostragem de mais de 100.000 tipagens sangüíneas. Uma vez validados, entrou-se na fase de expansão clonal e produção de lotes de reagentes para uso interno em bancada, sem comercilização. Desta forma, isentos de registro no Ministério da Saúde.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Fátima Regina Guimarães - Integrante / Tania Rosalem - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 5

  • 1994 - 1998

    Produção de Anticorpos monoclonais dirigidos contra antígenos eritrocitários humanos, Descrição: Utilizando o avanço tecnológico da engenharia celular, implantamos no hemocentro de Botucatu o laboratório de produção de Anticorpos Monoclonais com objetivo claro de produzir insumos para a bancada da hemoterapia. Este objetivo era calcado na c]necessidade do serviço utilizar insumos de origem biotecnológico, mais seguros, mais precisos, porem de alto custo. Tendo em vista o término do contrato com a Universidade, este projeto teve continuidade com a contratação da pesquisadora, pelas regras CLT, para não haver descontinuidade do mesmo. Vários sub-produtos deste projeto inicial dão margem hoje à outras teses de mestrado e doutorado.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (4) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Tânia Rosalem - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 10 / Número de orientações: 6

  • 1993 - 1994

    Obtenção, Caracterização e Validação de anticorpos monoclonais anti-A, anti-B e anti-AB, Descrição: Em 1992, com a implantação do laboratório de produção de anticorpos monoclonais, a linha mestra de pesquisa ficou estabelecida como sendo a produção de anticorpos monoclonais dirigidos contra antígenos eritrocitários humanos que viessem após a padronização, validação e registro, substituir os reagentes de bancada vigentes naquela época no país, na sua maior parte, de origem policlonal. A origem mencionada dos anticorpos largamente comercializados no país, é humana, o que confrontava e confronta com a constituição federal que proíbe comercialização dos sangue e de seus derivados. Com intuito de obter anticorpos melhores para uso em bancada, respeitar a constituição brasileira e por questões de biossegurança, melhorar a qualidade de vida dos trabalhadores dos laboratórios de imunohematologia, os três mais usados anticorpos de uso imunohematolõgico foram produzidos.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 3

  • 1992 - 1993

    Implantação da Tecnologia de Produção de Anticorpos Monoclonais, Descrição: Depois de mestrado e doutorado na área de biotecnologia aplicada à transfusão, com teses realizadas no Institut National de Transfusion Sanguine de Paris/ Université Pierre et Marie Curie/Paris VI/França, o desafio foi a implantação do laboratório de engenharia celular voltado à produção de anticorpos monoclonais murinos para uso em bancada com fins hemoterápicos. Em meados de abri/maio de 1992 começou a tramitação na universidade para que pudesse me submeter ao concurso para a vaga de pesquisadora. Tão logo isto foi possível, com o despacho do reitor publicado 27/5/1992, processo 1011-92-FM-Bo, dei início à implantação dom referido laboratório. Inicialmente realizei uma auditoria para analisar as práticas laboratoriais e as condições de biossegurança e técnicas. Esta auditoria levou à implantação do grupo, que posteriormente se tornou Comitê de Biossegurança, Qualidade e Bioética, para a padronização dos procedimentos e adequação dentro de padrões interncaionais de qualidade. A grande dificuldade incial foi a aquisição de nitrogênio líquido para a manutenção dos clones a serem produzidos. Em dezembro de 1992 consegui obter o primeiro sucesso em cultura celular, após vários problemas, todos ligados às deficiêcnias de infra-estrutura e treinamentoi de equipe. O investimento inicial para equipar o laboratório vieram fundamentalmente da Secretaria Estadual de Saúde e FINEP.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (4) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Tânia Rosalem - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2014 - Atual

    NEOFORMAÇÃO ÓSSEA: RETALHO DE GÁLEA E PERIÓSTEO PREENCHIDO COM CÉLULAS TRONCO MESENQUIMAIS. ESTUDO EM COELHO., Descrição: Trata-se do trabalho de doutorado da aluna Ryane Schmidt Brock, orientada do Prof. Fausto Viterbo, sendo que a parte da dissociação, expansão e caracterização das CTM de tecido adiposo são feitas em colaboração com o Laboratório de Engenharia Celular.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (0) Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Fausto Viterbo - Coordenador / Ryane Schmidt Brock - Integrante / Camila Juliane Sena Maleski - Integrante.

  • 2013 - Atual

    TRANSPLANTE TRAQUEAL EM RATOS UTILIZANDO TÉCNICAS DE RECONSTITUIÇÃO DE VIA AÉREA HOMÓLOGA COM CÉLULAS AUTÓLOGAS POR ENGENHARIA TECIDUAL, Descrição: A utilização de matriz extracelular como suporte biológico possui a vantagem e poder ser recelularizada com células do receptor. A recelularização do suporte biológico (matriz extracelular) é realizada por células autólogas cultivadas (epitélio respiratório) e condrócitos. Fundamentados na hipótese de que a reconstituição da via aérea homóloga com células autólogas utilizando-se técnica de engenharia tecidual é exequível, desenhamos um estudo experimental como objetivo de avaliar a viabilidade dos enxertos traqueais descelularizados e recelularizados em um modelo experimental de transplante traqueal em ratos.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristina Evaristo - Integrante / Paulo Francisco Guerreiro Cardoso - Integrante / Paulo Manoel Pego Fernandes - Integrante / Rogério Pazzetti - Integrante / Daniele Cristina Cataneo - Integrante.

  • 2013 - Atual

    ESTUDO DAS PROPRIEDADES VISCOELÁSTICAS DE TRAQUEIAS RECONSTRUÍDAS POR ENGENHARIA DE TECIDOS UTILIZANDO UM AMBIENTE DE AVALIAÇÃO DE MECÂNICA RESPIRATÓRIA POR IMAGEM., Descrição: O presente estudo experimental tem por objetivo avaliar as propriedades mecânicas de traqueias in vitro, comparando o comportamento de traqueias normais de ratos versus traqueias descelularizadas e recelularizadas por engenharia tecidual. Para tal, será utilizado uma nova instrumentação composta de ambiente de processamento de imagens e condicionamento/estimulação de tecidos, desenvolvidos recentemente no Laboratório de Engenharia Biomédica-Escola Politécnica-USP. Tal tecnologia é inédita e as análises preliminares da mecânica de traqueias descelularizadas, recelularizadas e normais, demonstram a capacidade do equipamento em executar as medidas de interesse... , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristine Evaristo - Integrante / Paulo Francisco Guerreiro Cardoso - Integrante / Daniele Cristina Cataneo - Integrante / Henrique Takachi Moriya - Integrante.

  • 2013 - Atual

    AVALIAÇÃO DA REOLOGIA DAS CÉLULAS TRAQUEAIS ISOLADAS ATRAVÉS DA CITOMETRIA MAGNÉTICO ÓPTICA DE OSCILAÇÃO (OMTC), Descrição: A confecção de neotraquéia a partir de engenharia tecidual combina processos de descelularização de aloenxertos traqueais com subsequente recelularização do enxerto. A engenharia de tecidos permite que as traquéias descelularizadas possam ser recelularizadas com condrócitos diferenciados a partir de cultura de células-tronco mesenquimais de tecido adiposo e células epiteliais respiratórias (CERs) obtidas do próprio receptor. Apesar da similaridade do epitélio respiratório e da musculatura lisa produzidos por técnicas de engenharia tecidual, pouco se sabe sobre as possíveis alterações do citoesqueleto destas células geradas em cultura, bem como seu impacto nas propriedades mecânicas intrínsicas da traquéia própriamente dita. O objetivo do presente estudo é o de avaliar-se o comportamento da microreologia celular da traquéia in vitro através da OMTC comparando-se células cultivadas à partir de traquéias normais com células utilizadas para a recelularização traqueal... , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristine Evaristo - Integrante / Paulo Francisco Guerreiro Cardoso - Integrante / Adriano Alencar - Integrante.

  • 2012 - Atual

    Estudo Multicêntrico do uso de Biocurativo no tratamento de feridas crônicas, Descrição: O Laboratório de Engenharia Celular, vem desde 2001 mantendo linha de pesquisa na área de curativos bioativos, denominados de Biocurativos. Atualmente, 3 produtos já foram validados em fase clínica I (humanos) sob aprovação do CONEP. Com o objetivo de avaliar a experiência de outros centros brasileiros com o uso dos produtos aqui desenvolvidos, delineou-se este projeto com a participação de 3 diferentes estados brasileiros.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Coltrim, OS - Integrante., Financiador(es): Fundo Nacional de Saúde Ministério da Saúde - Auxílio financeiro.

  • 2010 - 2012

    IMPLANTE DE CÉLULAS-TRONCO MESESENQUIMAIS AUTÓLOGAS ASSOCIADAS AO PRP EM TENDINITES EXPERIMENTAIS EM EQUINOS, Descrição: A tendinite do flexor digital superficial (TFDS) é uma das lesões mais comuns em eqüinos de alto desempenho, acarretando em uma significante morbidade e grande perda econômica na indústria eqüestre. Existem vários tipos de tratamentos descritos na literatura, que têm contribuído de forma significativa para o restabelecimento da morfo-fisiologia do tendão. No entanto há um campo fértil para inovar e melhorar a qualidade da matriz extracelular da estrutura tendínea. Com o advento da biotecnologia, a medicina regenerativa vem evoluindo significativamente e já existem trabalhos promissores no emprego de terapia celular e implante de plasma rico em plaquetas (PRP) na tendinite eqüina. Este trabalho tem como objetivo o implante autólogo de células-tronco mesenquimais (CTM) derivadas do tecido adiposo associada ao PRP em um dos membros torácicos de eqüinos com TFDS, que será induzida pelo emprego da colagenase. Os animais serão avaliados por parâmetros clínicos, exames de ultrassonografia, doppler-sonografia e após as biópsias a serem realizadas no 40o dia para avaliação do homing celular, ou seja, transporte dessas células do membro implantado (tratado) para o membro contralateral (controle); e no 150o dia do experimento, serão verificadas as características histológicas, imunoistoquímicas e avaliação da expressão gênica tendínea. Resumo em Inglês Objetivos 1. Objetivos gerais 1.1 Avaliação da eficácia da associação das células-tronco mesenquimais derivadas do tecido adiposo e o plasma rico em plaquetas na reparação tecidual do tendão. 1.2 Monitoramento das células-tronco autólogas inoculadas (homing celular), através da expressão das CTM marcadas com nanocristal quantum dot (Qtraker 655®). 2. Objetivos específicos 2.1 Caracterização imunofenotípica da superfície das células-tronco mesenquimais utilizando os marcadores CD44, CD90. 2.2 Avaliação do efeito do tratamento frente a parâmetros clínicos do aparelho locomotor eqüino. 2.3 Avaliação do efeito do tratamento f. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa.

  • 2009 - 2011

    Produção de materiais nanoparticulados para processos baseados em imunocitoquímica, Descrição: PROJETO MULTICENTRICO SOB A COORDENAÇÃO PROF. SIDNEY RIBEIRO: Este projeto tem como meta principal a formação de uma rede internacional multidisciplinar envolvida na formação de mão de obra qualificada na área de nanomateriais com aplicação em medicina (4 doutores, 8 estágios de pós-doutoramento e estágios de estudantes de graduação). Os objetivos intermediários científicos a serem atendidos podem ser definidos como: -preparação de nanopartículas de óxidos de silício, alumínio, polímeros, contendo compostos luminescentes orgânicos e/ou de íons lantanídeos para calibração de citômetros de fluxo; -Validar aumento de vida de prateleira e sustentabilidade do produto sem proteção à luz em comparação com os produtos comerciais; -Isolamento de anticorpos monoclonais (ex. anti-linfócito B, anti-linfocito T, anti-leucócito, anti-mesenquimal) e acoplamento à nanopartículas magnéticas (ex. cobalto) para separação celular por seleção magnética positiva e negativa de populações celulares específicas*; -Desenvolvimento e caracterização de nanopartículas biodegradáveis luminescentes, e nanopartículas contendo quimioterápicos, ambas funcionalizadas por anticorpos monoclonais específicos; -Avaliação da capacidade de internalização de nanopartículas luminescentes funcionalizadas com mAbs anti-linfócitos B; -Estudo dinâmico de morte celular, in vitro, com co-cultivo de linhagem de linfoma B em presença de nanopartículas biodegradáveis funcionalizadas por anticorpos monoclonais anti-linfocitos B e também contendo quimioterápicos; -Realizar o seqüenciamento molecular da região dos clones codificadora das imunoglobulinas de interesse, de modo a se deter a originalidade, característica vinculada à patenteabilidade do produto. * corresponde às atividades a serem desenvolvidas na UNESP-BOTUCATU JUSTIFICATIVA PARA IMPLEMENTAÇÃO DO PROJETO: Este projeto visa a formação de uma rede interdisciplinar envolvendo químicos, físicos, biólogos, engenheiros químicos, biomédicos. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Priscila Murador - Integrante / Flávia Cilene Alves - Integrante / Michele Valério - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.

  • 2009 - 2011

    Proposta de modelo experimental de neotraquéia em coelho utilizando técnicas de engenharia de tecidos, Descrição: Injúrias traqueais são problemas na prática cirúrgica, pois apresentam dificuldades no tratamento. A engenharia tecidual (ET) consiste na regeneração de órgãos, através do recrutamento de tecidos do paciente, dissociados em células que são cultivadas sobre suportes biológicos ou sintéticos, para serem reinseridos no paciente; sendo a única técnica para substituição traqueal que fornece promessa real. A ET já tornou possível a substituição traqueal em paciente que apresentava estenose traqueobrônquica melhorando a qualidade de vida. Assim é possível construir uma neotraquéia com propriedades mecânicas que permitem a fisiologia normal, sem riscos de rejeição, provando que, células autólogas combinadas com biomateriais apropriados podem fornecer soluções funcionais em situações cirúrgicas complexas. O maior desafio é construir por meio de técnicas de ET uma via respiratória funcional que seja uniforme e altamente eficiente na cultura celular na superfície externa e interna da matriz tubular tridimensional, co-cultivando diferentes tipos celulares. Estabelecer um protocolo de modelo experimental de neotraquéia sobre uma estrutura tridimensional autóloga recobrindo-a externamente com o tecido cartilaginoso e internamente com epitélio respiratório é o desafio deste projeto.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado profissional: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Sérgio Felisbino - Integrante / Thaiane Cristina Evaristo - Integrante / Flávia Cilene Alves - Integrante / Raul Ruiz Junior - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa.

  • 2009 - 2011

    Estudo comparativo de Gel de Plaquetas home made versus Hidrocolóide no processo de cicatrização de úlceras crônicas de etiologia venosa, Descrição: A úlcera de extremidades de membros inferiores representa uma patologia com alta incidência e prevalência afetando de 1 a 3% da população nos países em desenvolvimento. A etiologia vascular é a principal causa com 75 a 90% dos casos. A úlcera venosa dos membros inferiores é um problema comum nos países ocidentais, causando significante impacto socioeconômico. Diversos tipos de curativos têm sido desenvolvidos e estão disponíveis no mercado, sendo o acesso aos mesmos, limitado. Entre os diferentes curativos no mercado aqueles com fatores de crescimento usam mediadores biológicos naturais caracterizados como peptídeos com receptores teciduais. O Hemocentro de Botucatu vem desenvolvendo um hemocomponente de uso tópico a partir de produto excedente da pratica transfusional: plasma fresco congelado e concentrado de plaquetas(CP). As moléculas sinalizadoras (fatores de crescimento) solúveis, presentes no CP são integrantes fundamentais da nova apresentação denominada Gel de Plaquetas ou Biogel. Este produto favorece a migração, a proliferação e a diferenciação celular contribuindo para a modulação da resposta cicatricial. Este trabalho se propõe a aprimorar o gel de plaquetas laminar (Biogel), tendo em vista que a degranulação das plaquetas levam à liberação de inúmeros fatores: do aracdonato, prostaglandina PGE2, tromboxano (TXA), fator de agregação plaquetária (PAF), fator de crescimento derivado de plaquetas (PDGF) e vascular endotelial (VEGF) além daqueles derivados de fibroblastos (FGF), fator epidermal (EGF), e do fator transformador de crescimento β (TGF-β). Além de padronizar a dose-aplicação, esta pesquisa propõe comparar o desempenho do Biogel com o Hidrocolóide existente no mercado.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Aun - Integrante / Mariele Gobo - Integrante.

  • 2007 - 2010

    Avaliação de aspectos fisiológicos e cinéticos chaves do cultivo de hibridomas para produção de imunoglobulinas de uso hemoclassificatório, Descrição: : O objetivo desta pesquisa é avaliar as características fisiologicas e cinéticas de três hibridomas visando o desenvolvimento de um bioprocesso para produção otimizada de três anticorpos monoclonais a serem utilizados na tipagem sanguínea pelo sistema ABO, os quais são atualmente importados pelo sistema de saúde Brasileiro. Os hibridomas serão cultivados em escala de laboratório em duas etapas. Na primeira, os cultivos serão realizados em frascos spinner para conhecer várias características fisiológicas dos hibridomas que permitam identificar parâmetros relativos ao cultivo passíveis de melhora como comosião do meio de cultura, temperatura, pH e oxigenação. Numa segunda etapa, tendo melhorado as condições de cultivo dos hibridomas, serão feitos experimentos em biorreator de aprox. 1L para a obtenção de dados sobre cinética de crescimento e de produção dos anticorpos monoclonais. De posse das informações obtidas nas duas etapas será feito uma análise de engenharia de processo para definir estratégias de operação do biorreator que conduzam a altas produtividades dos anticorpos monoclonais que deverão ser validadas em experimentos de cultivo no mesmo biorreator. Os resultados finais obtidos serão utilizados para o delineamento de um bioprocesso para produção em escala piloto de cada anticorpo monoclonal. Os estudos de aumento de escala (industrial) serão deixados para uma pesquisa posterior, uma vez que os custos para este tipo de estudo são bem maiores. Os resultados da pesquisa são do interesse da Empresa Brasileira de Hemoderivados e Biotecnologia (Hemobras), co-participe desta pesquisa.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Suazo, CAT - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2007 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais anti-Taenia Saginata, Descrição: Projeto em parceria com professora Cáris Nunes da UNESP de Araçatuba.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Josy Campanhã Vicentini - Integrante / Caris Maroni - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1

  • 2007 - 2009

    Caracterização de anticorpos monoclonais anti-CD45, Descrição: Este projeto tem como objeto a caracterização e validação de clones anti-CD45 obtidos pelo Laboratório de Engenharia Celular do Hemocentro de Botucatu. A validação realizada tem como objetivo o uso em citometria de fluxo com marcação com isotiocianato de fluoroceína e em imunohistoquímica testando pela tecnologia de Tissue array em colaboração com Departamento de Patologia do HC-FMB/UNESP.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Marjorie de Assis Golim - Integrante / Luciandro Sodré - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 1

  • 2005 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais de Uso Hemoterápico, Descrição: Trata-se da otimização de clones existentes e da produção de novos clones para uso em hemoterapia. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Especialização: (1) / Mestrado profissional: (3) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Marina de Souza - Integrante / Daniel Bassetto Jesuíno - Integrante / Elaine Navarro - Integrante / Aparecida Vitória G. Souza - Integrante., Financiador(es): Agência Nacional de Vigilância Sanitária - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 8

  • 2005 - 2007

    Construção de Área limpa e Laboratório Classificado NB3 para a produção de anticorpos monoclonais anti-RSV, Descrição: A construção de área limpa classificada 10.000 e de um laboratório de contenção de nivel 3 de segurança - NB3 trata-se de uma proposta cooperada dentro do Genoma Vírus financiado pela Fapesp sob a coordenação da Profa. Dra. Maria Inês de Moura Campos Pardini. O Laboratório de Engenharia celular obteve esta área física contemplada dentro do compromisso do desenvolvimento de anticorpos monoclonais anti proteína F do RSV ( vírus sincicial respiratório) responsável por enfermidades graves em crianças no mundo todo. A proposta é a produção do anticorpo monoclonal a partir da proteína F pruduzida por tecnologia recombinante pelo grupo cooperado do Genoma Vírus.. , Situação: Desativado; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (2) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Maria Inês de Moura Campos Pardini - Coordenador / Andrei Moroz - Integrante / Marina de Oliveira - Integrante / Elaine Navarro - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2005 - 2006

    Desenvolvimento de Insumos estratégicos para acompanhamento de pacientes com AIDS - UNESCO, Descrição: Monoclonal antibodies (mAbs) are identical because they were produced by one type of immune cell. Antigen is injected into mice some of the immune system B-cells will turn into plasma cells and start to produce antibodies. B-cells from mice spleen are removed and fused with myeloma tumor cells (NS1) that grow indefinitely in culture originating hybridomas. These are cloned, so that one obtains a number of different colonies, each producing only one type of antibody. When the clone cells are injected in the peritoneal cavity mice, they produce tumors containing an antibody-rich fluid called ascitic fluid. The purpose of the development of these mAbs is for application to the differential diagnosis of B-cell disorders. Patient Cells with B-cell chronic lymphocytic leukemia were immunophenotyping by flow cytometry (FC) for determination of the immunogens (human lymphocyte B - HLB). Peripheral blood mononuclear cells were isolated from whole blood samples using density gradient centrifugation. Twenty-five BALB/c mice were immunized intraperitoneally with HLB. The spleen was removed, a cell suspension produced was fused using polyethylene glycol with NS1/HLB cells and plated out into HAT-selective growth medium. The cultures were incubated for approximately until significant colony growth was apparent. The hybrids supernatant culture that demonstrated a better performance were collected and tested by FC (screening) for the presence of the appropriate mAbs. Cells from positive wells were single-cell cloned. Screening was repeated for the confirmation of the especificity of mAb, proceeded in vivo expansion for attainment from high-titered solution of mAb - ascitic fluid. The cellular fusion resulted in 1248 hybridomas, of which 22 were positive by FC and subsequently cloned resulting 29 clones. These 29 tested by FC staining 20 were strongly positive, so that the clone cells are injected in 100 mice to produced ascitic fluid.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Marjorie de Assis Golim - Integrante / Renata Bittencourt - Integrante / Marina Oliveira - Integrante., Financiador(es): Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais em Hemoterapia, Descrição: O projeto intitulado Produção e Validação de reagentes monoclonais para uso Hemoterápico foi apresentado a Agência Nacional de Vigilância Sanitásria - ANVISA, recebendo parecer favorável tendo sido efetuado convênio com a Fundação para o Desenvolvimento Médico Hospitalar - FAMESP, conênio 030/2004 para o repasse de recursos financeiros que viabilizarão até meados de 2006 o registro de anticorpos monoclonais produzidos e validados no Brasil. Coordenador do Projeto. Alunos envolvidos: Iniciação científica 2, especialização 1 e mestrado 2.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante / Andrei Moroz - Integrante / Carlos Tognolli - Integrante / Débora Botéquio - Integrante., Financiador(es): Agência Nacional de Vigilância Sanitária - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 7 / Número de orientações: 3

  • 2004 - 2008

    Produção e validação de Anticorpos monoclonais de uso Médico, Descrição: Durante o treinamento de recursos humanos de áreas estratégicas do país (Piauí, Acre) identificamos o grave problema de fornecimento de material diagnóstico em pequena quantidade para áreas distantes, muito quentes, cujo forncedor coloca preço proibitivo para os insumos, obrigando muitas vezes o serviço a usar insumos vencidos. Com objetivo de registrar insumos junto à anvisa, propusemos este projeto, cujos produtos obtidos, validados e registrados serão disponibilizados para as áreas brasileiras com menor recursos financeiro, com intuito de garantir uma transfusão eficaz e segura em qualquer ponto de território brasileiro. O projeto foi submetido ao CNPq tendo sido aprovado. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Rita de Cássia Alvarado - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 34 / Número de orientações: 12

  • 2003 - 2010

    Desenvolvimento de cola de fibrina home made para uso tópico, Descrição: Trata-se da obtenção de cola de fibrina a partir de plasma excedente. Este projeto contém etapas intermediárias, entre elas, a fase devalidação do plasma excedente através das determinações de Fatores V, VIII, IX, XIII, fibrinogênio, fibronectina, PDGF e VEGF. Outra etapa configura-se com a purificação da trombina humana. A terceira etapa é a formação da cola de fibrina home made, considerado hemocomponente de uso tópico. Tal hemocomponentes, oiu biocurativo vem sendo aplicado, com a respectiva autorização do CONEP em seres humanos para a cicatrização de feridas crônicas de etiologia venosa.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado profissional: (4) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Danielle Morais - Integrante / Illymach Canedo Ferreira de Araújo - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante., Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 4

  • 2002 - 2004

    Uso de Biocurativo nas úlceras de pressão, Descrição: Produção de biocurativo: constituição de pasta dermatológica modificada e enriquecida com proteínas humanas concentradas oriundas da preparação de crioprecipitado. Esta pasta foi enriquecida com altas concentrações de fibrinogêncio, fibronectina, vit A, flavonóides, Vit. C, entre outros elementos anti-oxidantes e testados em animais e posteriormente à aprovação do Conep, foi usada para a cicatrização de úlceras de pressão em pacientes cujo tratamento clássico não cicatrizava a lesão. Trata-se de obtenção de cola de fibrina home made, de origem integralmente humana.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Marla Andréia Garcia - Integrante / Gilsara Alves - Integrante., Número de orientações: 1

  • 2001 - Atual

    Estruturação ex-vivo de vasos sanguíneos a partir da diferenciação de células tronco de coelhos, Descrição: A doença arterial obstrutiva periférica está presente em 5% da população e em cerca de 20 a 30% dos casos pode evoluir para amputação do membro inferior acometido, mesmo com os tratamentos hoje existentes. Por isso, justifica-se a busca por novas técnicas para controle da evolução da doença. Pesquisas recentes envolvendo células tronco e engenharia celular apontam para um futuro promissor com base na terapêutica regenerativa e substitutiva de tecidos. A terapia celular é um ramo da medicina regenerativa e consiste em três vertentes terapêuticas: condutiva, a qual se refere ao re-estabelecimento autônomo das células através de estímulo externo; indutiva, em que fatores de crescimento são adicionados à célula para que esta se regenere. As células-tronco perfazem a terceira vertente e são utilizadas na terapia celular para regeneração tecidual. O desafio deste estudo está relacionado a terceira vertente acima mencionada, focalizando o aprimoramento das técnicas de engenharia celular, com a finalidade de produzir um substituto arterial autólogo in vitro, utilizando células tronco mesenquimais (CTM) de tecido adiposo de coelho que serão cultivadas sob um ?scaffold?e/ou biomaterial descelularizado. Em seguida, estas CTM serão diferenciadas em tecido endotelial e tecido muscular liso de forma a mimetizar a parede do vaso sanguíneo. Futuramente, esse modelo poderá vir a ser aplicado em enxertos vasculares (by-pass) que atualmente se faz através do uso da veia safena magna autóloga ou com o uso de próteses sintéticas inorgânicos, as quais podem provocar a rejeição. Dessa forma, espera-se contribuir para o desenvolvimento de novas alternativas para o tratamento dos pacientes portadores de insuficiência arterial.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 1999 - 2002

    Produção de Anticorpos Monoclonais Anti-produto de degradação do fibrinogênio/fibrina humano, Descrição: O processo hemostático para a formação do trombo é iniciado um complexo de substância denomiadas ativadores da protrombina que fará a conversão desta em trombina. Por sua vez, a trombina age sobre a molécula de fibrinogênio convertendo-o em fibrina. As novas técnicas de engenharia celulares avançaram muito nas últimas décadas. Entre os avanços destaca-se a produção de anticorpos monoclonais murinos (AcMm) e humanos segundo Köhler e Milstein(1975). Os hemoderivados obtidos através de AcMm possuem uma qualidade inquestionável quanto à pureza sendo a maioria obtida somente no mercado internacional. A obtenção de AcMm contra o produto de degradação fibrinogênio/fibrina humano terá sua utilização nas rotinas laboratoriais contribuindo para o diagnóstico de inúmeras patologias. Camundongos Balb/c foram imunizados com: crioprecipitado ( protocolo ROSOB), fibrinogênio purificado pelo método de Kazal e cols. modificado ( protocolo CRIS), fibrinogênio comercial ( protocolo FIB), fragmento D comercial ( protocolo DIM). As células esplênicas do animal imunizado foram fusionadas com células mielomatosas NS1-1 e os híbridos foram selecionados levando em consideração os apectos genéticos HGPRT negativos do mieloma e positivo das células híbridas. Os anticorpos obtidos foram testados pela técnica ELISA, dot blot, testes de inibição e caractereizados por imunoblotting, sendo que o peso molecular da proteína que cada anticorpo reconhecia foi determinado após análise por imagem comparativa (VDS)-Amersham Pharmacia Biotech. As classes e sub-classes de imunoglobulinas foram determinadas pelo método de imunodifusão radial e confirmadas por citometria de fluxo.A monoclonalidade foi estabelecida pela eletroforese em gel de agarose. Os anticorpos obtidos reconhecem produtos de degradação do fibrionogênio: anti-produto de degradação do fagmento Y ( anticorpo reconhecendo proteínas de PM 50.700 e 40.300 daltos) e anti- fragmento D ( anticorpo reconhecendo proteína de PM= 32.400 dalton.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Cristiane Aparecida Ferino - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 1996 - 2001

    Produção de Anticorpos Monoclonais anti-Fator VIII da coagulação, expansão clonal e domínio da tecnologia de produção em larga escala, Descrição: CONTROLE DE QUALIDADE DE HEMODERIVADOS: QUALIDADE DE VIDA DO HEMOFÍLICO. Deffune, Elenice, Ferreira-Rossi, Rosana, Guimarães, Fátima Regina e Machado, Paulo Eduardo de Abreu. Hemocentro de Botucatu-Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina-UNESP. O desenvolvimento de talentos na área da saúde para o atendimento universal, multiprofissional e de qualidade para os hemofílicos é um dos desafios das últimas décadas.Envolvidos em processos dolorosos mundiais, fruto de utilização de produtos lábeis ou hemoderivados de padrão questionáveis, os hemofílicos foram assolados pelo HIV. O esforço biotecnológico mundial trouxe excelentes resultados obtendo produtos cada vez mais puros, específicos e viro-inativados. No entanto, estes produtos distribuídos no mundo todo, nem sempre tem seu transporte com a cadeia de frios que necessitam e podem ser alterados, prejudicados e mesmo ter total ineficácia terapêutica. Preocupados com a falta de controle pós-compra elaboramos um projeto de produção de anticorpos monoclonais murinos (AcMm) dirigidos contra fator VIII da coagulação com o intuito de obter uma ferramenta tecnológica para controle e validação dos produtos, antes da liberação para uso terapêutico em cada serviço. Os AcMm foram obtidos após a imunização de um grupo de camundongos, por via intraperitoneal, com FVIII natura cuja fonte foi crioprecipitado com intervalo de 21 dias entre as injeções. Após 45 dias retiramos o baço dos animais, recuperamos as células esplênicas e fusionamos as mesmas com células de mieloma murino segundo o método descrito por Köhler & Milstein (1975). Após o processo de fusão, os hibridomas foram distribuídos em placas de cultura e os híbridos viáveis foram retidos e testados quanto à sua especificidade. Os híbridos considerados de alta reatividade foram clonados e estabilizados durante os 4 primeiros meses de cultura, depois expandidos in vitro (cultura) e in vivo.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante., Financiador(es): Financiadora de Estudos e Projetos - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 2

  • 1996 - 1998

    Estudo dos Antígenos Leucocitários Suínos e Tolerização objetivando Xanotransplante., Descrição: A crescente demanda de órgãos para transplantes versus a também crescente dificuldade em obter órgãos para os referidos transplantes tem aumentado a fila de espera, o que tem determinado, só no estado de São Paulo, um grande número de óbitos. Para contribuir com o avanço tecnológico e produzir marcadores que propiciarão no futuro o monitoramento de prováveis órgãos oriundos de animais preparados para transplantes de órgãos, estabelecemos protocolos de obtenção e caracterização de anticorpos monoclonais murinos dirigidos contra antígenos eritrocitários de suínos Large White.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Alexandre Krause - Integrante / Ana Paula Ehrandt Oliveira - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1

  • 1994 - 1998

    Produção de Anticorpos monoclonais dirigidos contra antígenos eritrocitários humanos, Descrição: Utilizando o avanço tecnológico da engenharia celular, implantamos no hemocentro de Botucatu o laboratório de produção de Anticorpos Monoclonais com objetivo claro de produzir insumos para a bancada da hemoterapia. Este objetivo era calcado na c]necessidade do serviço utilizar insumos de origem biotecnológico, mais seguros, mais precisos, porem de alto custo. Tendo em vista o término do contrato com a Universidade, este projeto teve continuidade com a contratação da pesquisadora, pelas regras CLT, para não haver descontinuidade do mesmo. Vários sub-produtos deste projeto inicial dão margem hoje à outras teses de mestrado e doutorado.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (4) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Tânia Rosalem - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 10 / Número de orientações: 6

  • 1994 - 1998

    Expansão clonal de anti-A, anti-B e anti-AB para uso em bancada, Descrição: Após a implantação do Laboratório de produção de anticorpos Monoclonais murinos a Divisão Hemocentro inciou uma nova fase de produção de insumos por biotecnologia. Os anticorpos anti-A, anti-B e anti-AB para a tipagem sangüínea rotineira foi validado por testes em paralelo com duas diferentes fontes comerciais de reagentes, obtendo desempenho superior numa amostragem de mais de 100.000 tipagens sangüíneas. Uma vez validados, entrou-se na fase de expansão clonal e produção de lotes de reagentes para uso interno em bancada, sem comercilização. Desta forma, isentos de registro no Ministério da Saúde.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Fátima Regina Guimarães - Integrante / Tania Rosalem - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 5

  • 1993 - 1994

    Obtenção, Caracterização e Validação de anticorpos monoclonais anti-A, anti-B e anti-AB, Descrição: Em 1992, com a implantação do laboratório de produção de anticorpos monoclonais, a linha mestra de pesquisa ficou estabelecida como sendo a produção de anticorpos monoclonais dirigidos contra antígenos eritrocitários humanos que viessem após a padronização, validação e registro, substituir os reagentes de bancada vigentes naquela época no país, na sua maior parte, de origem policlonal. A origem mencionada dos anticorpos largamente comercializados no país, é humana, o que confrontava e confronta com a constituição federal que proíbe comercialização dos sangue e de seus derivados. Com intuito de obter anticorpos melhores para uso em bancada, respeitar a constituição brasileira e por questões de biossegurança, melhorar a qualidade de vida dos trabalhadores dos laboratórios de imunohematologia, os três mais usados anticorpos de uso imunohematolõgico foram produzidos.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 3

  • 1992 - 1993

    Implantação da Tecnologia de Produção de Anticorpos Monoclonais, Descrição: Depois de mestrado e doutorado na área de biotecnologia aplicada à transfusão, com teses realizadas no Institut National de Transfusion Sanguine de Paris/ Université Pierre et Marie Curie/Paris VI/França, o desafio foi a implantação do laboratório de engenharia celular voltado à produção de anticorpos monoclonais murinos para uso em bancada com fins hemoterápicos. Em meados de abri/maio de 1992 começou a tramitação na universidade para que pudesse me submeter ao concurso para a vaga de pesquisadora. Tão logo isto foi possível, com o despacho do reitor publicado 27/5/1992, processo 1011-92-FM-Bo, dei início à implantação dom referido laboratório. Inicialmente realizei uma auditoria para analisar as práticas laboratoriais e as condições de biossegurança e técnicas. Esta auditoria levou à implantação do grupo, que posteriormente se tornou Comitê de Biossegurança, Qualidade e Bioética, para a padronização dos procedimentos e adequação dentro de padrões interncaionais de qualidade. A grande dificuldade incial foi a aquisição de nitrogênio líquido para a manutenção dos clones a serem produzidos. Em dezembro de 1992 consegui obter o primeiro sucesso em cultura celular, após vários problemas, todos ligados às deficiêcnias de infra-estrutura e treinamentoi de equipe. O investimento inicial para equipar o laboratório vieram fundamentalmente da Secretaria Estadual de Saúde e FINEP.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (4) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Tânia Rosalem - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2014 - Atual

    NEOFORMAÇÃO ÓSSEA: RETALHO DE GÁLEA E PERIÓSTEO PREENCHIDO COM CÉLULAS TRONCO MESENQUIMAIS. ESTUDO EM COELHO., Descrição: Trata-se do trabalho de doutorado da aluna Ryane Schmidt Brock, orientada do Prof. Fausto Viterbo, sendo que a parte da dissociação, expansão e caracterização das CTM de tecido adiposo são feitas em colaboração com o Laboratório de Engenharia Celular.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (0) Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Fausto Viterbo - Coordenador / Ryane Schmidt Brock - Integrante / Camila Juliane Sena Maleski - Integrante.

  • 2013 - Atual

    TRANSPLANTE TRAQUEAL EM RATOS UTILIZANDO TÉCNICAS DE RECONSTITUIÇÃO DE VIA AÉREA HOMÓLOGA COM CÉLULAS AUTÓLOGAS POR ENGENHARIA TECIDUAL, Descrição: A utilização de matriz extracelular como suporte biológico possui a vantagem e poder ser recelularizada com células do receptor. A recelularização do suporte biológico (matriz extracelular) é realizada por células autólogas cultivadas (epitélio respiratório) e condrócitos. Fundamentados na hipótese de que a reconstituição da via aérea homóloga com células autólogas utilizando-se técnica de engenharia tecidual é exequível, desenhamos um estudo experimental como objetivo de avaliar a viabilidade dos enxertos traqueais descelularizados e recelularizados em um modelo experimental de transplante traqueal em ratos.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristina Evaristo - Integrante / Paulo Francisco Guerreiro Cardoso - Integrante / Paulo Manoel Pego Fernandes - Integrante / Rogério Pazzetti - Integrante / Daniele Cristina Cataneo - Integrante.

  • 2013 - Atual

    ESTUDO DAS PROPRIEDADES VISCOELÁSTICAS DE TRAQUEIAS RECONSTRUÍDAS POR ENGENHARIA DE TECIDOS UTILIZANDO UM AMBIENTE DE AVALIAÇÃO DE MECÂNICA RESPIRATÓRIA POR IMAGEM., Descrição: O presente estudo experimental tem por objetivo avaliar as propriedades mecânicas de traqueias in vitro, comparando o comportamento de traqueias normais de ratos versus traqueias descelularizadas e recelularizadas por engenharia tecidual. Para tal, será utilizado uma nova instrumentação composta de ambiente de processamento de imagens e condicionamento/estimulação de tecidos, desenvolvidos recentemente no Laboratório de Engenharia Biomédica-Escola Politécnica-USP. Tal tecnologia é inédita e as análises preliminares da mecânica de traqueias descelularizadas, recelularizadas e normais, demonstram a capacidade do equipamento em executar as medidas de interesse... , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristine Evaristo - Integrante / Paulo Francisco Guerreiro Cardoso - Integrante / Daniele Cristina Cataneo - Integrante / Henrique Takachi Moriya - Integrante.

  • 2013 - Atual

    AVALIAÇÃO DA REOLOGIA DAS CÉLULAS TRAQUEAIS ISOLADAS ATRAVÉS DA CITOMETRIA MAGNÉTICO ÓPTICA DE OSCILAÇÃO (OMTC), Descrição: A confecção de neotraquéia a partir de engenharia tecidual combina processos de descelularização de aloenxertos traqueais com subsequente recelularização do enxerto. A engenharia de tecidos permite que as traquéias descelularizadas possam ser recelularizadas com condrócitos diferenciados a partir de cultura de células-tronco mesenquimais de tecido adiposo e células epiteliais respiratórias (CERs) obtidas do próprio receptor. Apesar da similaridade do epitélio respiratório e da musculatura lisa produzidos por técnicas de engenharia tecidual, pouco se sabe sobre as possíveis alterações do citoesqueleto destas células geradas em cultura, bem como seu impacto nas propriedades mecânicas intrínsicas da traquéia própriamente dita. O objetivo do presente estudo é o de avaliar-se o comportamento da microreologia celular da traquéia in vitro através da OMTC comparando-se células cultivadas à partir de traquéias normais com células utilizadas para a recelularização traqueal... , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristine Evaristo - Integrante / Paulo Francisco Guerreiro Cardoso - Integrante / Adriano Alencar - Integrante.

  • 2012 - Atual

    Estudo Multicêntrico do uso de Biocurativo no tratamento de feridas crônicas, Descrição: O Laboratório de Engenharia Celular, vem desde 2001 mantendo linha de pesquisa na área de curativos bioativos, denominados de Biocurativos. Atualmente, 3 produtos já foram validados em fase clínica I (humanos) sob aprovação do CONEP. Com o objetivo de avaliar a experiência de outros centros brasileiros com o uso dos produtos aqui desenvolvidos, delineou-se este projeto com a participação de 3 diferentes estados brasileiros.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Coltrim, OS - Integrante., Financiador(es): Fundo Nacional de Saúde Ministério da Saúde - Auxílio financeiro.

  • 2010 - 2012

    IMPLANTE DE CÉLULAS-TRONCO MESESENQUIMAIS AUTÓLOGAS ASSOCIADAS AO PRP EM TENDINITES EXPERIMENTAIS EM EQUINOS, Descrição: A tendinite do flexor digital superficial (TFDS) é uma das lesões mais comuns em eqüinos de alto desempenho, acarretando em uma significante morbidade e grande perda econômica na indústria eqüestre. Existem vários tipos de tratamentos descritos na literatura, que têm contribuído de forma significativa para o restabelecimento da morfo-fisiologia do tendão. No entanto há um campo fértil para inovar e melhorar a qualidade da matriz extracelular da estrutura tendínea. Com o advento da biotecnologia, a medicina regenerativa vem evoluindo significativamente e já existem trabalhos promissores no emprego de terapia celular e implante de plasma rico em plaquetas (PRP) na tendinite eqüina. Este trabalho tem como objetivo o implante autólogo de células-tronco mesenquimais (CTM) derivadas do tecido adiposo associada ao PRP em um dos membros torácicos de eqüinos com TFDS, que será induzida pelo emprego da colagenase. Os animais serão avaliados por parâmetros clínicos, exames de ultrassonografia, doppler-sonografia e após as biópsias a serem realizadas no 40o dia para avaliação do homing celular, ou seja, transporte dessas células do membro implantado (tratado) para o membro contralateral (controle); e no 150o dia do experimento, serão verificadas as características histológicas, imunoistoquímicas e avaliação da expressão gênica tendínea. Resumo em Inglês Objetivos 1. Objetivos gerais 1.1 Avaliação da eficácia da associação das células-tronco mesenquimais derivadas do tecido adiposo e o plasma rico em plaquetas na reparação tecidual do tendão. 1.2 Monitoramento das células-tronco autólogas inoculadas (homing celular), através da expressão das CTM marcadas com nanocristal quantum dot (Qtraker 655®). 2. Objetivos específicos 2.1 Caracterização imunofenotípica da superfície das células-tronco mesenquimais utilizando os marcadores CD44, CD90. 2.2 Avaliação do efeito do tratamento frente a parâmetros clínicos do aparelho locomotor eqüino. 2.3 Avaliação do efeito do tratamento f. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa.

  • 2009 - 2011

    Produção de materiais nanoparticulados para processos baseados em imunocitoquímica, Descrição: PROJETO MULTICENTRICO SOB A COORDENAÇÃO PROF. SIDNEY RIBEIRO: Este projeto tem como meta principal a formação de uma rede internacional multidisciplinar envolvida na formação de mão de obra qualificada na área de nanomateriais com aplicação em medicina (4 doutores, 8 estágios de pós-doutoramento e estágios de estudantes de graduação). Os objetivos intermediários científicos a serem atendidos podem ser definidos como: -preparação de nanopartículas de óxidos de silício, alumínio, polímeros, contendo compostos luminescentes orgânicos e/ou de íons lantanídeos para calibração de citômetros de fluxo; -Validar aumento de vida de prateleira e sustentabilidade do produto sem proteção à luz em comparação com os produtos comerciais; -Isolamento de anticorpos monoclonais (ex. anti-linfócito B, anti-linfocito T, anti-leucócito, anti-mesenquimal) e acoplamento à nanopartículas magnéticas (ex. cobalto) para separação celular por seleção magnética positiva e negativa de populações celulares específicas*; -Desenvolvimento e caracterização de nanopartículas biodegradáveis luminescentes, e nanopartículas contendo quimioterápicos, ambas funcionalizadas por anticorpos monoclonais específicos; -Avaliação da capacidade de internalização de nanopartículas luminescentes funcionalizadas com mAbs anti-linfócitos B; -Estudo dinâmico de morte celular, in vitro, com co-cultivo de linhagem de linfoma B em presença de nanopartículas biodegradáveis funcionalizadas por anticorpos monoclonais anti-linfocitos B e também contendo quimioterápicos; -Realizar o seqüenciamento molecular da região dos clones codificadora das imunoglobulinas de interesse, de modo a se deter a originalidade, característica vinculada à patenteabilidade do produto. * corresponde às atividades a serem desenvolvidas na UNESP-BOTUCATU JUSTIFICATIVA PARA IMPLEMENTAÇÃO DO PROJETO: Este projeto visa a formação de uma rede interdisciplinar envolvendo químicos, físicos, biólogos, engenheiros químicos, biomédicos. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Priscila Murador - Integrante / Flávia Cilene Alves - Integrante / Michele Valério - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.

  • 2009 - 2011

    Proposta de modelo experimental de neotraquéia em coelho utilizando técnicas de engenharia de tecidos, Descrição: Injúrias traqueais são problemas na prática cirúrgica, pois apresentam dificuldades no tratamento. A engenharia tecidual (ET) consiste na regeneração de órgãos, através do recrutamento de tecidos do paciente, dissociados em células que são cultivadas sobre suportes biológicos ou sintéticos, para serem reinseridos no paciente; sendo a única técnica para substituição traqueal que fornece promessa real. A ET já tornou possível a substituição traqueal em paciente que apresentava estenose traqueobrônquica melhorando a qualidade de vida. Assim é possível construir uma neotraquéia com propriedades mecânicas que permitem a fisiologia normal, sem riscos de rejeição, provando que, células autólogas combinadas com biomateriais apropriados podem fornecer soluções funcionais em situações cirúrgicas complexas. O maior desafio é construir por meio de técnicas de ET uma via respiratória funcional que seja uniforme e altamente eficiente na cultura celular na superfície externa e interna da matriz tubular tridimensional, co-cultivando diferentes tipos celulares. Estabelecer um protocolo de modelo experimental de neotraquéia sobre uma estrutura tridimensional autóloga recobrindo-a externamente com o tecido cartilaginoso e internamente com epitélio respiratório é o desafio deste projeto.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado profissional: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Sérgio Felisbino - Integrante / Thaiane Cristina Evaristo - Integrante / Flávia Cilene Alves - Integrante / Raul Ruiz Junior - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa.

  • 2009 - 2011

    Estudo comparativo de Gel de Plaquetas home made versus Hidrocolóide no processo de cicatrização de úlceras crônicas de etiologia venosa, Descrição: A úlcera de extremidades de membros inferiores representa uma patologia com alta incidência e prevalência afetando de 1 a 3% da população nos países em desenvolvimento. A etiologia vascular é a principal causa com 75 a 90% dos casos. A úlcera venosa dos membros inferiores é um problema comum nos países ocidentais, causando significante impacto socioeconômico. Diversos tipos de curativos têm sido desenvolvidos e estão disponíveis no mercado, sendo o acesso aos mesmos, limitado. Entre os diferentes curativos no mercado aqueles com fatores de crescimento usam mediadores biológicos naturais caracterizados como peptídeos com receptores teciduais. O Hemocentro de Botucatu vem desenvolvendo um hemocomponente de uso tópico a partir de produto excedente da pratica transfusional: plasma fresco congelado e concentrado de plaquetas(CP). As moléculas sinalizadoras (fatores de crescimento) solúveis, presentes no CP são integrantes fundamentais da nova apresentação denominada Gel de Plaquetas ou Biogel. Este produto favorece a migração, a proliferação e a diferenciação celular contribuindo para a modulação da resposta cicatricial. Este trabalho se propõe a aprimorar o gel de plaquetas laminar (Biogel), tendo em vista que a degranulação das plaquetas levam à liberação de inúmeros fatores: do aracdonato, prostaglandina PGE2, tromboxano (TXA), fator de agregação plaquetária (PAF), fator de crescimento derivado de plaquetas (PDGF) e vascular endotelial (VEGF) além daqueles derivados de fibroblastos (FGF), fator epidermal (EGF), e do fator transformador de crescimento β (TGF-β). Além de padronizar a dose-aplicação, esta pesquisa propõe comparar o desempenho do Biogel com o Hidrocolóide existente no mercado.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Aun - Integrante / Mariele Gobo - Integrante.

  • 2007 - 2010

    Avaliação de aspectos fisiológicos e cinéticos chaves do cultivo de hibridomas para produção de imunoglobulinas de uso hemoclassificatório, Descrição: : O objetivo desta pesquisa é avaliar as características fisiologicas e cinéticas de três hibridomas visando o desenvolvimento de um bioprocesso para produção otimizada de três anticorpos monoclonais a serem utilizados na tipagem sanguínea pelo sistema ABO, os quais são atualmente importados pelo sistema de saúde Brasileiro. Os hibridomas serão cultivados em escala de laboratório em duas etapas. Na primeira, os cultivos serão realizados em frascos spinner para conhecer várias características fisiológicas dos hibridomas que permitam identificar parâmetros relativos ao cultivo passíveis de melhora como comosião do meio de cultura, temperatura, pH e oxigenação. Numa segunda etapa, tendo melhorado as condições de cultivo dos hibridomas, serão feitos experimentos em biorreator de aprox. 1L para a obtenção de dados sobre cinética de crescimento e de produção dos anticorpos monoclonais. De posse das informações obtidas nas duas etapas será feito uma análise de engenharia de processo para definir estratégias de operação do biorreator que conduzam a altas produtividades dos anticorpos monoclonais que deverão ser validadas em experimentos de cultivo no mesmo biorreator. Os resultados finais obtidos serão utilizados para o delineamento de um bioprocesso para produção em escala piloto de cada anticorpo monoclonal. Os estudos de aumento de escala (industrial) serão deixados para uma pesquisa posterior, uma vez que os custos para este tipo de estudo são bem maiores. Os resultados da pesquisa são do interesse da Empresa Brasileira de Hemoderivados e Biotecnologia (Hemobras), co-participe desta pesquisa.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Suazo, CAT - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2007 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais anti-Taenia Saginata, Descrição: Projeto em parceria com professora Cáris Nunes da UNESP de Araçatuba.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Josy Campanhã Vicentini - Integrante / Caris Maroni - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1

  • 2007 - 2009

    Caracterização de anticorpos monoclonais anti-CD45, Descrição: Este projeto tem como objeto a caracterização e validação de clones anti-CD45 obtidos pelo Laboratório de Engenharia Celular do Hemocentro de Botucatu. A validação realizada tem como objetivo o uso em citometria de fluxo com marcação com isotiocianato de fluoroceína e em imunohistoquímica testando pela tecnologia de Tissue array em colaboração com Departamento de Patologia do HC-FMB/UNESP.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Marjorie de Assis Golim - Integrante / Luciandro Sodré - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 1

  • 2005 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais de Uso Hemoterápico, Descrição: Trata-se da otimização de clones existentes e da produção de novos clones para uso em hemoterapia. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Especialização: (1) / Mestrado profissional: (3) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Marina de Souza - Integrante / Daniel Bassetto Jesuíno - Integrante / Elaine Navarro - Integrante / Aparecida Vitória G. Souza - Integrante., Financiador(es): Agência Nacional de Vigilância Sanitária - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 8

  • 2005 - 2007

    Construção de Área limpa e Laboratório Classificado NB3 para a produção de anticorpos monoclonais anti-RSV, Descrição: A construção de área limpa classificada 10.000 e de um laboratório de contenção de nivel 3 de segurança - NB3 trata-se de uma proposta cooperada dentro do Genoma Vírus financiado pela Fapesp sob a coordenação da Profa. Dra. Maria Inês de Moura Campos Pardini. O Laboratório de Engenharia celular obteve esta área física contemplada dentro do compromisso do desenvolvimento de anticorpos monoclonais anti proteína F do RSV ( vírus sincicial respiratório) responsável por enfermidades graves em crianças no mundo todo. A proposta é a produção do anticorpo monoclonal a partir da proteína F pruduzida por tecnologia recombinante pelo grupo cooperado do Genoma Vírus.. , Situação: Desativado; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (2) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Maria Inês de Moura Campos Pardini - Coordenador / Andrei Moroz - Integrante / Marina de Oliveira - Integrante / Elaine Navarro - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2005 - 2006

    Desenvolvimento de Insumos estratégicos para acompanhamento de pacientes com AIDS - UNESCO, Descrição: Monoclonal antibodies (mAbs) are identical because they were produced by one type of immune cell. Antigen is injected into mice some of the immune system B-cells will turn into plasma cells and start to produce antibodies. B-cells from mice spleen are removed and fused with myeloma tumor cells (NS1) that grow indefinitely in culture originating hybridomas. These are cloned, so that one obtains a number of different colonies, each producing only one type of antibody. When the clone cells are injected in the peritoneal cavity mice, they produce tumors containing an antibody-rich fluid called ascitic fluid. The purpose of the development of these mAbs is for application to the differential diagnosis of B-cell disorders. Patient Cells with B-cell chronic lymphocytic leukemia were immunophenotyping by flow cytometry (FC) for determination of the immunogens (human lymphocyte B - HLB). Peripheral blood mononuclear cells were isolated from whole blood samples using density gradient centrifugation. Twenty-five BALB/c mice were immunized intraperitoneally with HLB. The spleen was removed, a cell suspension produced was fused using polyethylene glycol with NS1/HLB cells and plated out into HAT-selective growth medium. The cultures were incubated for approximately until significant colony growth was apparent. The hybrids supernatant culture that demonstrated a better performance were collected and tested by FC (screening) for the presence of the appropriate mAbs. Cells from positive wells were single-cell cloned. Screening was repeated for the confirmation of the especificity of mAb, proceeded in vivo expansion for attainment from high-titered solution of mAb - ascitic fluid. The cellular fusion resulted in 1248 hybridomas, of which 22 were positive by FC and subsequently cloned resulting 29 clones. These 29 tested by FC staining 20 were strongly positive, so that the clone cells are injected in 100 mice to produced ascitic fluid.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Marjorie de Assis Golim - Integrante / Renata Bittencourt - Integrante / Marina Oliveira - Integrante., Financiador(es): Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais em Hemoterapia, Descrição: O projeto intitulado Produção e Validação de reagentes monoclonais para uso Hemoterápico foi apresentado a Agência Nacional de Vigilância Sanitásria - ANVISA, recebendo parecer favorável tendo sido efetuado convênio com a Fundação para o Desenvolvimento Médico Hospitalar - FAMESP, conênio 030/2004 para o repasse de recursos financeiros que viabilizarão até meados de 2006 o registro de anticorpos monoclonais produzidos e validados no Brasil. Coordenador do Projeto. Alunos envolvidos: Iniciação científica 2, especialização 1 e mestrado 2.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante / Andrei Moroz - Integrante / Carlos Tognolli - Integrante / Débora Botéquio - Integrante., Financiador(es): Agência Nacional de Vigilância Sanitária - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 7 / Número de orientações: 3

  • 2004 - 2008

    Produção e validação de Anticorpos monoclonais de uso Médico, Descrição: Durante o treinamento de recursos humanos de áreas estratégicas do país (Piauí, Acre) identificamos o grave problema de fornecimento de material diagnóstico em pequena quantidade para áreas distantes, muito quentes, cujo forncedor coloca preço proibitivo para os insumos, obrigando muitas vezes o serviço a usar insumos vencidos. Com objetivo de registrar insumos junto à anvisa, propusemos este projeto, cujos produtos obtidos, validados e registrados serão disponibilizados para as áreas brasileiras com menor recursos financeiro, com intuito de garantir uma transfusão eficaz e segura em qualquer ponto de território brasileiro. O projeto foi submetido ao CNPq tendo sido aprovado. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Rita de Cássia Alvarado - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 34 / Número de orientações: 12

  • 2003 - 2010

    Desenvolvimento de cola de fibrina home made para uso tópico, Descrição: Trata-se da obtenção de cola de fibrina a partir de plasma excedente. Este projeto contém etapas intermediárias, entre elas, a fase devalidação do plasma excedente através das determinações de Fatores V, VIII, IX, XIII, fibrinogênio, fibronectina, PDGF e VEGF. Outra etapa configura-se com a purificação da trombina humana. A terceira etapa é a formação da cola de fibrina home made, considerado hemocomponente de uso tópico. Tal hemocomponentes, oiu biocurativo vem sendo aplicado, com a respectiva autorização do CONEP em seres humanos para a cicatrização de feridas crônicas de etiologia venosa.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado profissional: (4) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Danielle Morais - Integrante / Illymach Canedo Ferreira de Araújo - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante., Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 4

  • 2002 - 2004

    Uso de Biocurativo nas úlceras de pressão, Descrição: Produção de biocurativo: constituição de pasta dermatológica modificada e enriquecida com proteínas humanas concentradas oriundas da preparação de crioprecipitado. Esta pasta foi enriquecida com altas concentrações de fibrinogêncio, fibronectina, vit A, flavonóides, Vit. C, entre outros elementos anti-oxidantes e testados em animais e posteriormente à aprovação do Conep, foi usada para a cicatrização de úlceras de pressão em pacientes cujo tratamento clássico não cicatrizava a lesão. Trata-se de obtenção de cola de fibrina home made, de origem integralmente humana.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Marla Andréia Garcia - Integrante / Gilsara Alves - Integrante., Número de orientações: 1

  • 2001 - Atual

    Estruturação ex-vivo de vasos sanguíneos a partir da diferenciação de células tronco de coelhos, Descrição: A doença arterial obstrutiva periférica está presente em 5% da população e em cerca de 20 a 30% dos casos pode evoluir para amputação do membro inferior acometido, mesmo com os tratamentos hoje existentes. Por isso, justifica-se a busca por novas técnicas para controle da evolução da doença. Pesquisas recentes envolvendo células tronco e engenharia celular apontam para um futuro promissor com base na terapêutica regenerativa e substitutiva de tecidos. A terapia celular é um ramo da medicina regenerativa e consiste em três vertentes terapêuticas: condutiva, a qual se refere ao re-estabelecimento autônomo das células através de estímulo externo; indutiva, em que fatores de crescimento são adicionados à célula para que esta se regenere. As células-tronco perfazem a terceira vertente e são utilizadas na terapia celular para regeneração tecidual. O desafio deste estudo está relacionado a terceira vertente acima mencionada, focalizando o aprimoramento das técnicas de engenharia celular, com a finalidade de produzir um substituto arterial autólogo in vitro, utilizando células tronco mesenquimais (CTM) de tecido adiposo de coelho que serão cultivadas sob um ?scaffold?e/ou biomaterial descelularizado. Em seguida, estas CTM serão diferenciadas em tecido endotelial e tecido muscular liso de forma a mimetizar a parede do vaso sanguíneo. Futuramente, esse modelo poderá vir a ser aplicado em enxertos vasculares (by-pass) que atualmente se faz através do uso da veia safena magna autóloga ou com o uso de próteses sintéticas inorgânicos, as quais podem provocar a rejeição. Dessa forma, espera-se contribuir para o desenvolvimento de novas alternativas para o tratamento dos pacientes portadores de insuficiência arterial.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 1999 - 2002

    Produção de Anticorpos Monoclonais Anti-produto de degradação do fibrinogênio/fibrina humano, Descrição: O processo hemostático para a formação do trombo é iniciado um complexo de substância denomiadas ativadores da protrombina que fará a conversão desta em trombina. Por sua vez, a trombina age sobre a molécula de fibrinogênio convertendo-o em fibrina. As novas técnicas de engenharia celulares avançaram muito nas últimas décadas. Entre os avanços destaca-se a produção de anticorpos monoclonais murinos (AcMm) e humanos segundo Köhler e Milstein(1975). Os hemoderivados obtidos através de AcMm possuem uma qualidade inquestionável quanto à pureza sendo a maioria obtida somente no mercado internacional. A obtenção de AcMm contra o produto de degradação fibrinogênio/fibrina humano terá sua utilização nas rotinas laboratoriais contribuindo para o diagnóstico de inúmeras patologias. Camundongos Balb/c foram imunizados com: crioprecipitado ( protocolo ROSOB), fibrinogênio purificado pelo método de Kazal e cols. modificado ( protocolo CRIS), fibrinogênio comercial ( protocolo FIB), fragmento D comercial ( protocolo DIM). As células esplênicas do animal imunizado foram fusionadas com células mielomatosas NS1-1 e os híbridos foram selecionados levando em consideração os apectos genéticos HGPRT negativos do mieloma e positivo das células híbridas. Os anticorpos obtidos foram testados pela técnica ELISA, dot blot, testes de inibição e caractereizados por imunoblotting, sendo que o peso molecular da proteína que cada anticorpo reconhecia foi determinado após análise por imagem comparativa (VDS)-Amersham Pharmacia Biotech. As classes e sub-classes de imunoglobulinas foram determinadas pelo método de imunodifusão radial e confirmadas por citometria de fluxo.A monoclonalidade foi estabelecida pela eletroforese em gel de agarose. Os anticorpos obtidos reconhecem produtos de degradação do fibrionogênio: anti-produto de degradação do fagmento Y ( anticorpo reconhecendo proteínas de PM 50.700 e 40.300 daltos) e anti- fragmento D ( anticorpo reconhecendo proteína de PM= 32.400 dalton.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Cristiane Aparecida Ferino - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 1996 - 2001

    Produção de Anticorpos Monoclonais anti-Fator VIII da coagulação, expansão clonal e domínio da tecnologia de produção em larga escala, Descrição: CONTROLE DE QUALIDADE DE HEMODERIVADOS: QUALIDADE DE VIDA DO HEMOFÍLICO. Deffune, Elenice, Ferreira-Rossi, Rosana, Guimarães, Fátima Regina e Machado, Paulo Eduardo de Abreu. Hemocentro de Botucatu-Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina-UNESP. O desenvolvimento de talentos na área da saúde para o atendimento universal, multiprofissional e de qualidade para os hemofílicos é um dos desafios das últimas décadas.Envolvidos em processos dolorosos mundiais, fruto de utilização de produtos lábeis ou hemoderivados de padrão questionáveis, os hemofílicos foram assolados pelo HIV. O esforço biotecnológico mundial trouxe excelentes resultados obtendo produtos cada vez mais puros, específicos e viro-inativados. No entanto, estes produtos distribuídos no mundo todo, nem sempre tem seu transporte com a cadeia de frios que necessitam e podem ser alterados, prejudicados e mesmo ter total ineficácia terapêutica. Preocupados com a falta de controle pós-compra elaboramos um projeto de produção de anticorpos monoclonais murinos (AcMm) dirigidos contra fator VIII da coagulação com o intuito de obter uma ferramenta tecnológica para controle e validação dos produtos, antes da liberação para uso terapêutico em cada serviço. Os AcMm foram obtidos após a imunização de um grupo de camundongos, por via intraperitoneal, com FVIII natura cuja fonte foi crioprecipitado com intervalo de 21 dias entre as injeções. Após 45 dias retiramos o baço dos animais, recuperamos as células esplênicas e fusionamos as mesmas com células de mieloma murino segundo o método descrito por Köhler & Milstein (1975). Após o processo de fusão, os hibridomas foram distribuídos em placas de cultura e os híbridos viáveis foram retidos e testados quanto à sua especificidade. Os híbridos considerados de alta reatividade foram clonados e estabilizados durante os 4 primeiros meses de cultura, depois expandidos in vitro (cultura) e in vivo.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante., Financiador(es): Financiadora de Estudos e Projetos - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 2

  • 1996 - 1998

    Estudo dos Antígenos Leucocitários Suínos e Tolerização objetivando Xanotransplante., Descrição: A crescente demanda de órgãos para transplantes versus a também crescente dificuldade em obter órgãos para os referidos transplantes tem aumentado a fila de espera, o que tem determinado, só no estado de São Paulo, um grande número de óbitos. Para contribuir com o avanço tecnológico e produzir marcadores que propiciarão no futuro o monitoramento de prováveis órgãos oriundos de animais preparados para transplantes de órgãos, estabelecemos protocolos de obtenção e caracterização de anticorpos monoclonais murinos dirigidos contra antígenos eritrocitários de suínos Large White.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Alexandre Krause - Integrante / Ana Paula Ehrandt Oliveira - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1

  • 1994 - 1998

    Expansão clonal de anti-A, anti-B e anti-AB para uso em bancada, Descrição: Após a implantação do Laboratório de produção de anticorpos Monoclonais murinos a Divisão Hemocentro inciou uma nova fase de produção de insumos por biotecnologia. Os anticorpos anti-A, anti-B e anti-AB para a tipagem sangüínea rotineira foi validado por testes em paralelo com duas diferentes fontes comerciais de reagentes, obtendo desempenho superior numa amostragem de mais de 100.000 tipagens sangüíneas. Uma vez validados, entrou-se na fase de expansão clonal e produção de lotes de reagentes para uso interno em bancada, sem comercilização. Desta forma, isentos de registro no Ministério da Saúde.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Fátima Regina Guimarães - Integrante / Tania Rosalem - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 5

  • 1994 - 1998

    Produção de Anticorpos monoclonais dirigidos contra antígenos eritrocitários humanos, Descrição: Utilizando o avanço tecnológico da engenharia celular, implantamos no hemocentro de Botucatu o laboratório de produção de Anticorpos Monoclonais com objetivo claro de produzir insumos para a bancada da hemoterapia. Este objetivo era calcado na c]necessidade do serviço utilizar insumos de origem biotecnológico, mais seguros, mais precisos, porem de alto custo. Tendo em vista o término do contrato com a Universidade, este projeto teve continuidade com a contratação da pesquisadora, pelas regras CLT, para não haver descontinuidade do mesmo. Vários sub-produtos deste projeto inicial dão margem hoje à outras teses de mestrado e doutorado.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (4) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Tânia Rosalem - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 10 / Número de orientações: 6

  • 1993 - 1994

    Obtenção, Caracterização e Validação de anticorpos monoclonais anti-A, anti-B e anti-AB, Descrição: Em 1992, com a implantação do laboratório de produção de anticorpos monoclonais, a linha mestra de pesquisa ficou estabelecida como sendo a produção de anticorpos monoclonais dirigidos contra antígenos eritrocitários humanos que viessem após a padronização, validação e registro, substituir os reagentes de bancada vigentes naquela época no país, na sua maior parte, de origem policlonal. A origem mencionada dos anticorpos largamente comercializados no país, é humana, o que confrontava e confronta com a constituição federal que proíbe comercialização dos sangue e de seus derivados. Com intuito de obter anticorpos melhores para uso em bancada, respeitar a constituição brasileira e por questões de biossegurança, melhorar a qualidade de vida dos trabalhadores dos laboratórios de imunohematologia, os três mais usados anticorpos de uso imunohematolõgico foram produzidos.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 3

  • 1992 - 1993

    Implantação da Tecnologia de Produção de Anticorpos Monoclonais, Descrição: Depois de mestrado e doutorado na área de biotecnologia aplicada à transfusão, com teses realizadas no Institut National de Transfusion Sanguine de Paris/ Université Pierre et Marie Curie/Paris VI/França, o desafio foi a implantação do laboratório de engenharia celular voltado à produção de anticorpos monoclonais murinos para uso em bancada com fins hemoterápicos. Em meados de abri/maio de 1992 começou a tramitação na universidade para que pudesse me submeter ao concurso para a vaga de pesquisadora. Tão logo isto foi possível, com o despacho do reitor publicado 27/5/1992, processo 1011-92-FM-Bo, dei início à implantação dom referido laboratório. Inicialmente realizei uma auditoria para analisar as práticas laboratoriais e as condições de biossegurança e técnicas. Esta auditoria levou à implantação do grupo, que posteriormente se tornou Comitê de Biossegurança, Qualidade e Bioética, para a padronização dos procedimentos e adequação dentro de padrões interncaionais de qualidade. A grande dificuldade incial foi a aquisição de nitrogênio líquido para a manutenção dos clones a serem produzidos. Em dezembro de 1992 consegui obter o primeiro sucesso em cultura celular, após vários problemas, todos ligados às deficiêcnias de infra-estrutura e treinamentoi de equipe. O investimento inicial para equipar o laboratório vieram fundamentalmente da Secretaria Estadual de Saúde e FINEP.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (4) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Tânia Rosalem - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2014 - Atual

    NEOFORMAÇÃO ÓSSEA: RETALHO DE GÁLEA E PERIÓSTEO PREENCHIDO COM CÉLULAS TRONCO MESENQUIMAIS. ESTUDO EM COELHO., Descrição: Trata-se do trabalho de doutorado da aluna Ryane Schmidt Brock, orientada do Prof. Fausto Viterbo, sendo que a parte da dissociação, expansão e caracterização das CTM de tecido adiposo são feitas em colaboração com o Laboratório de Engenharia Celular.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (0) Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Fausto Viterbo - Coordenador / Ryane Schmidt Brock - Integrante / Camila Juliane Sena Maleski - Integrante.

  • 2013 - Atual

    TRANSPLANTE TRAQUEAL EM RATOS UTILIZANDO TÉCNICAS DE RECONSTITUIÇÃO DE VIA AÉREA HOMÓLOGA COM CÉLULAS AUTÓLOGAS POR ENGENHARIA TECIDUAL, Descrição: A utilização de matriz extracelular como suporte biológico possui a vantagem e poder ser recelularizada com células do receptor. A recelularização do suporte biológico (matriz extracelular) é realizada por células autólogas cultivadas (epitélio respiratório) e condrócitos. Fundamentados na hipótese de que a reconstituição da via aérea homóloga com células autólogas utilizando-se técnica de engenharia tecidual é exequível, desenhamos um estudo experimental como objetivo de avaliar a viabilidade dos enxertos traqueais descelularizados e recelularizados em um modelo experimental de transplante traqueal em ratos.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristina Evaristo - Integrante / Paulo Francisco Guerreiro Cardoso - Integrante / Paulo Manoel Pego Fernandes - Integrante / Rogério Pazzetti - Integrante / Daniele Cristina Cataneo - Integrante.

  • 2013 - Atual

    ESTUDO DAS PROPRIEDADES VISCOELÁSTICAS DE TRAQUEIAS RECONSTRUÍDAS POR ENGENHARIA DE TECIDOS UTILIZANDO UM AMBIENTE DE AVALIAÇÃO DE MECÂNICA RESPIRATÓRIA POR IMAGEM., Descrição: O presente estudo experimental tem por objetivo avaliar as propriedades mecânicas de traqueias in vitro, comparando o comportamento de traqueias normais de ratos versus traqueias descelularizadas e recelularizadas por engenharia tecidual. Para tal, será utilizado uma nova instrumentação composta de ambiente de processamento de imagens e condicionamento/estimulação de tecidos, desenvolvidos recentemente no Laboratório de Engenharia Biomédica-Escola Politécnica-USP. Tal tecnologia é inédita e as análises preliminares da mecânica de traqueias descelularizadas, recelularizadas e normais, demonstram a capacidade do equipamento em executar as medidas de interesse... , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristine Evaristo - Integrante / Paulo Francisco Guerreiro Cardoso - Integrante / Daniele Cristina Cataneo - Integrante / Henrique Takachi Moriya - Integrante.

  • 2013 - Atual

    AVALIAÇÃO DA REOLOGIA DAS CÉLULAS TRAQUEAIS ISOLADAS ATRAVÉS DA CITOMETRIA MAGNÉTICO ÓPTICA DE OSCILAÇÃO (OMTC), Descrição: A confecção de neotraquéia a partir de engenharia tecidual combina processos de descelularização de aloenxertos traqueais com subsequente recelularização do enxerto. A engenharia de tecidos permite que as traquéias descelularizadas possam ser recelularizadas com condrócitos diferenciados a partir de cultura de células-tronco mesenquimais de tecido adiposo e células epiteliais respiratórias (CERs) obtidas do próprio receptor. Apesar da similaridade do epitélio respiratório e da musculatura lisa produzidos por técnicas de engenharia tecidual, pouco se sabe sobre as possíveis alterações do citoesqueleto destas células geradas em cultura, bem como seu impacto nas propriedades mecânicas intrínsicas da traquéia própriamente dita. O objetivo do presente estudo é o de avaliar-se o comportamento da microreologia celular da traquéia in vitro através da OMTC comparando-se células cultivadas à partir de traquéias normais com células utilizadas para a recelularização traqueal... , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristine Evaristo - Integrante / Paulo Francisco Guerreiro Cardoso - Integrante / Adriano Alencar - Integrante.

  • 2012 - Atual

    Estudo Multicêntrico do uso de Biocurativo no tratamento de feridas crônicas, Descrição: O Laboratório de Engenharia Celular, vem desde 2001 mantendo linha de pesquisa na área de curativos bioativos, denominados de Biocurativos. Atualmente, 3 produtos já foram validados em fase clínica I (humanos) sob aprovação do CONEP. Com o objetivo de avaliar a experiência de outros centros brasileiros com o uso dos produtos aqui desenvolvidos, delineou-se este projeto com a participação de 3 diferentes estados brasileiros.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Coltrim, OS - Integrante., Financiador(es): Fundo Nacional de Saúde Ministério da Saúde - Auxílio financeiro.

  • 2010 - 2012

    IMPLANTE DE CÉLULAS-TRONCO MESESENQUIMAIS AUTÓLOGAS ASSOCIADAS AO PRP EM TENDINITES EXPERIMENTAIS EM EQUINOS, Descrição: A tendinite do flexor digital superficial (TFDS) é uma das lesões mais comuns em eqüinos de alto desempenho, acarretando em uma significante morbidade e grande perda econômica na indústria eqüestre. Existem vários tipos de tratamentos descritos na literatura, que têm contribuído de forma significativa para o restabelecimento da morfo-fisiologia do tendão. No entanto há um campo fértil para inovar e melhorar a qualidade da matriz extracelular da estrutura tendínea. Com o advento da biotecnologia, a medicina regenerativa vem evoluindo significativamente e já existem trabalhos promissores no emprego de terapia celular e implante de plasma rico em plaquetas (PRP) na tendinite eqüina. Este trabalho tem como objetivo o implante autólogo de células-tronco mesenquimais (CTM) derivadas do tecido adiposo associada ao PRP em um dos membros torácicos de eqüinos com TFDS, que será induzida pelo emprego da colagenase. Os animais serão avaliados por parâmetros clínicos, exames de ultrassonografia, doppler-sonografia e após as biópsias a serem realizadas no 40o dia para avaliação do homing celular, ou seja, transporte dessas células do membro implantado (tratado) para o membro contralateral (controle); e no 150o dia do experimento, serão verificadas as características histológicas, imunoistoquímicas e avaliação da expressão gênica tendínea. Resumo em Inglês Objetivos 1. Objetivos gerais 1.1 Avaliação da eficácia da associação das células-tronco mesenquimais derivadas do tecido adiposo e o plasma rico em plaquetas na reparação tecidual do tendão. 1.2 Monitoramento das células-tronco autólogas inoculadas (homing celular), através da expressão das CTM marcadas com nanocristal quantum dot (Qtraker 655®). 2. Objetivos específicos 2.1 Caracterização imunofenotípica da superfície das células-tronco mesenquimais utilizando os marcadores CD44, CD90. 2.2 Avaliação do efeito do tratamento frente a parâmetros clínicos do aparelho locomotor eqüino. 2.3 Avaliação do efeito do tratamento f. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa.

  • 2009 - 2011

    Produção de materiais nanoparticulados para processos baseados em imunocitoquímica, Descrição: PROJETO MULTICENTRICO SOB A COORDENAÇÃO PROF. SIDNEY RIBEIRO: Este projeto tem como meta principal a formação de uma rede internacional multidisciplinar envolvida na formação de mão de obra qualificada na área de nanomateriais com aplicação em medicina (4 doutores, 8 estágios de pós-doutoramento e estágios de estudantes de graduação). Os objetivos intermediários científicos a serem atendidos podem ser definidos como: -preparação de nanopartículas de óxidos de silício, alumínio, polímeros, contendo compostos luminescentes orgânicos e/ou de íons lantanídeos para calibração de citômetros de fluxo; -Validar aumento de vida de prateleira e sustentabilidade do produto sem proteção à luz em comparação com os produtos comerciais; -Isolamento de anticorpos monoclonais (ex. anti-linfócito B, anti-linfocito T, anti-leucócito, anti-mesenquimal) e acoplamento à nanopartículas magnéticas (ex. cobalto) para separação celular por seleção magnética positiva e negativa de populações celulares específicas*; -Desenvolvimento e caracterização de nanopartículas biodegradáveis luminescentes, e nanopartículas contendo quimioterápicos, ambas funcionalizadas por anticorpos monoclonais específicos; -Avaliação da capacidade de internalização de nanopartículas luminescentes funcionalizadas com mAbs anti-linfócitos B; -Estudo dinâmico de morte celular, in vitro, com co-cultivo de linhagem de linfoma B em presença de nanopartículas biodegradáveis funcionalizadas por anticorpos monoclonais anti-linfocitos B e também contendo quimioterápicos; -Realizar o seqüenciamento molecular da região dos clones codificadora das imunoglobulinas de interesse, de modo a se deter a originalidade, característica vinculada à patenteabilidade do produto. * corresponde às atividades a serem desenvolvidas na UNESP-BOTUCATU JUSTIFICATIVA PARA IMPLEMENTAÇÃO DO PROJETO: Este projeto visa a formação de uma rede interdisciplinar envolvendo químicos, físicos, biólogos, engenheiros químicos, biomédicos. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Priscila Murador - Integrante / Flávia Cilene Alves - Integrante / Michele Valério - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.

  • 2009 - 2011

    Proposta de modelo experimental de neotraquéia em coelho utilizando técnicas de engenharia de tecidos, Descrição: Injúrias traqueais são problemas na prática cirúrgica, pois apresentam dificuldades no tratamento. A engenharia tecidual (ET) consiste na regeneração de órgãos, através do recrutamento de tecidos do paciente, dissociados em células que são cultivadas sobre suportes biológicos ou sintéticos, para serem reinseridos no paciente; sendo a única técnica para substituição traqueal que fornece promessa real. A ET já tornou possível a substituição traqueal em paciente que apresentava estenose traqueobrônquica melhorando a qualidade de vida. Assim é possível construir uma neotraquéia com propriedades mecânicas que permitem a fisiologia normal, sem riscos de rejeição, provando que, células autólogas combinadas com biomateriais apropriados podem fornecer soluções funcionais em situações cirúrgicas complexas. O maior desafio é construir por meio de técnicas de ET uma via respiratória funcional que seja uniforme e altamente eficiente na cultura celular na superfície externa e interna da matriz tubular tridimensional, co-cultivando diferentes tipos celulares. Estabelecer um protocolo de modelo experimental de neotraquéia sobre uma estrutura tridimensional autóloga recobrindo-a externamente com o tecido cartilaginoso e internamente com epitélio respiratório é o desafio deste projeto.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado profissional: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Sérgio Felisbino - Integrante / Thaiane Cristina Evaristo - Integrante / Flávia Cilene Alves - Integrante / Raul Ruiz Junior - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa.

  • 2009 - 2011

    Estudo comparativo de Gel de Plaquetas home made versus Hidrocolóide no processo de cicatrização de úlceras crônicas de etiologia venosa, Descrição: A úlcera de extremidades de membros inferiores representa uma patologia com alta incidência e prevalência afetando de 1 a 3% da população nos países em desenvolvimento. A etiologia vascular é a principal causa com 75 a 90% dos casos. A úlcera venosa dos membros inferiores é um problema comum nos países ocidentais, causando significante impacto socioeconômico. Diversos tipos de curativos têm sido desenvolvidos e estão disponíveis no mercado, sendo o acesso aos mesmos, limitado. Entre os diferentes curativos no mercado aqueles com fatores de crescimento usam mediadores biológicos naturais caracterizados como peptídeos com receptores teciduais. O Hemocentro de Botucatu vem desenvolvendo um hemocomponente de uso tópico a partir de produto excedente da pratica transfusional: plasma fresco congelado e concentrado de plaquetas(CP). As moléculas sinalizadoras (fatores de crescimento) solúveis, presentes no CP são integrantes fundamentais da nova apresentação denominada Gel de Plaquetas ou Biogel. Este produto favorece a migração, a proliferação e a diferenciação celular contribuindo para a modulação da resposta cicatricial. Este trabalho se propõe a aprimorar o gel de plaquetas laminar (Biogel), tendo em vista que a degranulação das plaquetas levam à liberação de inúmeros fatores: do aracdonato, prostaglandina PGE2, tromboxano (TXA), fator de agregação plaquetária (PAF), fator de crescimento derivado de plaquetas (PDGF) e vascular endotelial (VEGF) além daqueles derivados de fibroblastos (FGF), fator epidermal (EGF), e do fator transformador de crescimento β (TGF-β). Além de padronizar a dose-aplicação, esta pesquisa propõe comparar o desempenho do Biogel com o Hidrocolóide existente no mercado.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Aun - Integrante / Mariele Gobo - Integrante.

  • 2007 - 2010

    Avaliação de aspectos fisiológicos e cinéticos chaves do cultivo de hibridomas para produção de imunoglobulinas de uso hemoclassificatório, Descrição: : O objetivo desta pesquisa é avaliar as características fisiologicas e cinéticas de três hibridomas visando o desenvolvimento de um bioprocesso para produção otimizada de três anticorpos monoclonais a serem utilizados na tipagem sanguínea pelo sistema ABO, os quais são atualmente importados pelo sistema de saúde Brasileiro. Os hibridomas serão cultivados em escala de laboratório em duas etapas. Na primeira, os cultivos serão realizados em frascos spinner para conhecer várias características fisiológicas dos hibridomas que permitam identificar parâmetros relativos ao cultivo passíveis de melhora como comosião do meio de cultura, temperatura, pH e oxigenação. Numa segunda etapa, tendo melhorado as condições de cultivo dos hibridomas, serão feitos experimentos em biorreator de aprox. 1L para a obtenção de dados sobre cinética de crescimento e de produção dos anticorpos monoclonais. De posse das informações obtidas nas duas etapas será feito uma análise de engenharia de processo para definir estratégias de operação do biorreator que conduzam a altas produtividades dos anticorpos monoclonais que deverão ser validadas em experimentos de cultivo no mesmo biorreator. Os resultados finais obtidos serão utilizados para o delineamento de um bioprocesso para produção em escala piloto de cada anticorpo monoclonal. Os estudos de aumento de escala (industrial) serão deixados para uma pesquisa posterior, uma vez que os custos para este tipo de estudo são bem maiores. Os resultados da pesquisa são do interesse da Empresa Brasileira de Hemoderivados e Biotecnologia (Hemobras), co-participe desta pesquisa.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Suazo, CAT - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2007 - 2009

    Caracterização de anticorpos monoclonais anti-CD45, Descrição: Este projeto tem como objeto a caracterização e validação de clones anti-CD45 obtidos pelo Laboratório de Engenharia Celular do Hemocentro de Botucatu. A validação realizada tem como objetivo o uso em citometria de fluxo com marcação com isotiocianato de fluoroceína e em imunohistoquímica testando pela tecnologia de Tissue array em colaboração com Departamento de Patologia do HC-FMB/UNESP.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Marjorie de Assis Golim - Integrante / Luciandro Sodré - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 1

  • 2007 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais anti-Taenia Saginata, Descrição: Projeto em parceria com professora Cáris Nunes da UNESP de Araçatuba.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Josy Campanhã Vicentini - Integrante / Caris Maroni - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1

  • 2005 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais de Uso Hemoterápico, Descrição: Trata-se da otimização de clones existentes e da produção de novos clones para uso em hemoterapia. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Especialização: (1) / Mestrado profissional: (3) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Marina de Souza - Integrante / Daniel Bassetto Jesuíno - Integrante / Elaine Navarro - Integrante / Aparecida Vitória G. Souza - Integrante., Financiador(es): Agência Nacional de Vigilância Sanitária - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 8

  • 2005 - 2007

    Construção de Área limpa e Laboratório Classificado NB3 para a produção de anticorpos monoclonais anti-RSV, Descrição: A construção de área limpa classificada 10.000 e de um laboratório de contenção de nivel 3 de segurança - NB3 trata-se de uma proposta cooperada dentro do Genoma Vírus financiado pela Fapesp sob a coordenação da Profa. Dra. Maria Inês de Moura Campos Pardini. O Laboratório de Engenharia celular obteve esta área física contemplada dentro do compromisso do desenvolvimento de anticorpos monoclonais anti proteína F do RSV ( vírus sincicial respiratório) responsável por enfermidades graves em crianças no mundo todo. A proposta é a produção do anticorpo monoclonal a partir da proteína F pruduzida por tecnologia recombinante pelo grupo cooperado do Genoma Vírus.. , Situação: Desativado; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (2) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Maria Inês de Moura Campos Pardini - Coordenador / Andrei Moroz - Integrante / Marina de Oliveira - Integrante / Elaine Navarro - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2005 - 2006

    Desenvolvimento de Insumos estratégicos para acompanhamento de pacientes com AIDS - UNESCO, Descrição: Monoclonal antibodies (mAbs) are identical because they were produced by one type of immune cell. Antigen is injected into mice some of the immune system B-cells will turn into plasma cells and start to produce antibodies. B-cells from mice spleen are removed and fused with myeloma tumor cells (NS1) that grow indefinitely in culture originating hybridomas. These are cloned, so that one obtains a number of different colonies, each producing only one type of antibody. When the clone cells are injected in the peritoneal cavity mice, they produce tumors containing an antibody-rich fluid called ascitic fluid. The purpose of the development of these mAbs is for application to the differential diagnosis of B-cell disorders. Patient Cells with B-cell chronic lymphocytic leukemia were immunophenotyping by flow cytometry (FC) for determination of the immunogens (human lymphocyte B - HLB). Peripheral blood mononuclear cells were isolated from whole blood samples using density gradient centrifugation. Twenty-five BALB/c mice were immunized intraperitoneally with HLB. The spleen was removed, a cell suspension produced was fused using polyethylene glycol with NS1/HLB cells and plated out into HAT-selective growth medium. The cultures were incubated for approximately until significant colony growth was apparent. The hybrids supernatant culture that demonstrated a better performance were collected and tested by FC (screening) for the presence of the appropriate mAbs. Cells from positive wells were single-cell cloned. Screening was repeated for the confirmation of the especificity of mAb, proceeded in vivo expansion for attainment from high-titered solution of mAb - ascitic fluid. The cellular fusion resulted in 1248 hybridomas, of which 22 were positive by FC and subsequently cloned resulting 29 clones. These 29 tested by FC staining 20 were strongly positive, so that the clone cells are injected in 100 mice to produced ascitic fluid.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Marjorie de Assis Golim - Integrante / Renata Bittencourt - Integrante / Marina Oliveira - Integrante., Financiador(es): Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais em Hemoterapia, Descrição: O projeto intitulado Produção e Validação de reagentes monoclonais para uso Hemoterápico foi apresentado a Agência Nacional de Vigilância Sanitásria - ANVISA, recebendo parecer favorável tendo sido efetuado convênio com a Fundação para o Desenvolvimento Médico Hospitalar - FAMESP, conênio 030/2004 para o repasse de recursos financeiros que viabilizarão até meados de 2006 o registro de anticorpos monoclonais produzidos e validados no Brasil. Coordenador do Projeto. Alunos envolvidos: Iniciação científica 2, especialização 1 e mestrado 2.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante / Andrei Moroz - Integrante / Carlos Tognolli - Integrante / Débora Botéquio - Integrante., Financiador(es): Agência Nacional de Vigilância Sanitária - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 7 / Número de orientações: 3

  • 2004 - 2008

    Produção e validação de Anticorpos monoclonais de uso Médico, Descrição: Durante o treinamento de recursos humanos de áreas estratégicas do país (Piauí, Acre) identificamos o grave problema de fornecimento de material diagnóstico em pequena quantidade para áreas distantes, muito quentes, cujo forncedor coloca preço proibitivo para os insumos, obrigando muitas vezes o serviço a usar insumos vencidos. Com objetivo de registrar insumos junto à anvisa, propusemos este projeto, cujos produtos obtidos, validados e registrados serão disponibilizados para as áreas brasileiras com menor recursos financeiro, com intuito de garantir uma transfusão eficaz e segura em qualquer ponto de território brasileiro. O projeto foi submetido ao CNPq tendo sido aprovado. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Rita de Cássia Alvarado - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 34 / Número de orientações: 12

  • 2003 - 2010

    Desenvolvimento de cola de fibrina home made para uso tópico, Descrição: Trata-se da obtenção de cola de fibrina a partir de plasma excedente. Este projeto contém etapas intermediárias, entre elas, a fase devalidação do plasma excedente através das determinações de Fatores V, VIII, IX, XIII, fibrinogênio, fibronectina, PDGF e VEGF. Outra etapa configura-se com a purificação da trombina humana. A terceira etapa é a formação da cola de fibrina home made, considerado hemocomponente de uso tópico. Tal hemocomponentes, oiu biocurativo vem sendo aplicado, com a respectiva autorização do CONEP em seres humanos para a cicatrização de feridas crônicas de etiologia venosa.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado profissional: (4) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Danielle Morais - Integrante / Illymach Canedo Ferreira de Araújo - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante., Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 4

  • 2002 - 2004

    Uso de Biocurativo nas úlceras de pressão, Descrição: Produção de biocurativo: constituição de pasta dermatológica modificada e enriquecida com proteínas humanas concentradas oriundas da preparação de crioprecipitado. Esta pasta foi enriquecida com altas concentrações de fibrinogêncio, fibronectina, vit A, flavonóides, Vit. C, entre outros elementos anti-oxidantes e testados em animais e posteriormente à aprovação do Conep, foi usada para a cicatrização de úlceras de pressão em pacientes cujo tratamento clássico não cicatrizava a lesão. Trata-se de obtenção de cola de fibrina home made, de origem integralmente humana.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Marla Andréia Garcia - Integrante / Gilsara Alves - Integrante., Número de orientações: 1

  • 2001 - Atual

    Estruturação ex-vivo de vasos sanguíneos a partir da diferenciação de células tronco de coelhos, Descrição: A doença arterial obstrutiva periférica está presente em 5% da população e em cerca de 20 a 30% dos casos pode evoluir para amputação do membro inferior acometido, mesmo com os tratamentos hoje existentes. Por isso, justifica-se a busca por novas técnicas para controle da evolução da doença. Pesquisas recentes envolvendo células tronco e engenharia celular apontam para um futuro promissor com base na terapêutica regenerativa e substitutiva de tecidos. A terapia celular é um ramo da medicina regenerativa e consiste em três vertentes terapêuticas: condutiva, a qual se refere ao re-estabelecimento autônomo das células através de estímulo externo; indutiva, em que fatores de crescimento são adicionados à célula para que esta se regenere. As células-tronco perfazem a terceira vertente e são utilizadas na terapia celular para regeneração tecidual. O desafio deste estudo está relacionado a terceira vertente acima mencionada, focalizando o aprimoramento das técnicas de engenharia celular, com a finalidade de produzir um substituto arterial autólogo in vitro, utilizando células tronco mesenquimais (CTM) de tecido adiposo de coelho que serão cultivadas sob um ?scaffold?e/ou biomaterial descelularizado. Em seguida, estas CTM serão diferenciadas em tecido endotelial e tecido muscular liso de forma a mimetizar a parede do vaso sanguíneo. Futuramente, esse modelo poderá vir a ser aplicado em enxertos vasculares (by-pass) que atualmente se faz através do uso da veia safena magna autóloga ou com o uso de próteses sintéticas inorgânicos, as quais podem provocar a rejeição. Dessa forma, espera-se contribuir para o desenvolvimento de novas alternativas para o tratamento dos pacientes portadores de insuficiência arterial.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 1999 - 2002

    Produção de Anticorpos Monoclonais Anti-produto de degradação do fibrinogênio/fibrina humano, Descrição: O processo hemostático para a formação do trombo é iniciado um complexo de substância denomiadas ativadores da protrombina que fará a conversão desta em trombina. Por sua vez, a trombina age sobre a molécula de fibrinogênio convertendo-o em fibrina. As novas técnicas de engenharia celulares avançaram muito nas últimas décadas. Entre os avanços destaca-se a produção de anticorpos monoclonais murinos (AcMm) e humanos segundo Köhler e Milstein(1975). Os hemoderivados obtidos através de AcMm possuem uma qualidade inquestionável quanto à pureza sendo a maioria obtida somente no mercado internacional. A obtenção de AcMm contra o produto de degradação fibrinogênio/fibrina humano terá sua utilização nas rotinas laboratoriais contribuindo para o diagnóstico de inúmeras patologias. Camundongos Balb/c foram imunizados com: crioprecipitado ( protocolo ROSOB), fibrinogênio purificado pelo método de Kazal e cols. modificado ( protocolo CRIS), fibrinogênio comercial ( protocolo FIB), fragmento D comercial ( protocolo DIM). As células esplênicas do animal imunizado foram fusionadas com células mielomatosas NS1-1 e os híbridos foram selecionados levando em consideração os apectos genéticos HGPRT negativos do mieloma e positivo das células híbridas. Os anticorpos obtidos foram testados pela técnica ELISA, dot blot, testes de inibição e caractereizados por imunoblotting, sendo que o peso molecular da proteína que cada anticorpo reconhecia foi determinado após análise por imagem comparativa (VDS)-Amersham Pharmacia Biotech. As classes e sub-classes de imunoglobulinas foram determinadas pelo método de imunodifusão radial e confirmadas por citometria de fluxo.A monoclonalidade foi estabelecida pela eletroforese em gel de agarose. Os anticorpos obtidos reconhecem produtos de degradação do fibrionogênio: anti-produto de degradação do fagmento Y ( anticorpo reconhecendo proteínas de PM 50.700 e 40.300 daltos) e anti- fragmento D ( anticorpo reconhecendo proteína de PM= 32.400 dalton.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Cristiane Aparecida Ferino - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 1996 - 2001

    Produção de Anticorpos Monoclonais anti-Fator VIII da coagulação, expansão clonal e domínio da tecnologia de produção em larga escala, Descrição: CONTROLE DE QUALIDADE DE HEMODERIVADOS: QUALIDADE DE VIDA DO HEMOFÍLICO. Deffune, Elenice, Ferreira-Rossi, Rosana, Guimarães, Fátima Regina e Machado, Paulo Eduardo de Abreu. Hemocentro de Botucatu-Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina-UNESP. O desenvolvimento de talentos na área da saúde para o atendimento universal, multiprofissional e de qualidade para os hemofílicos é um dos desafios das últimas décadas.Envolvidos em processos dolorosos mundiais, fruto de utilização de produtos lábeis ou hemoderivados de padrão questionáveis, os hemofílicos foram assolados pelo HIV. O esforço biotecnológico mundial trouxe excelentes resultados obtendo produtos cada vez mais puros, específicos e viro-inativados. No entanto, estes produtos distribuídos no mundo todo, nem sempre tem seu transporte com a cadeia de frios que necessitam e podem ser alterados, prejudicados e mesmo ter total ineficácia terapêutica. Preocupados com a falta de controle pós-compra elaboramos um projeto de produção de anticorpos monoclonais murinos (AcMm) dirigidos contra fator VIII da coagulação com o intuito de obter uma ferramenta tecnológica para controle e validação dos produtos, antes da liberação para uso terapêutico em cada serviço. Os AcMm foram obtidos após a imunização de um grupo de camundongos, por via intraperitoneal, com FVIII natura cuja fonte foi crioprecipitado com intervalo de 21 dias entre as injeções. Após 45 dias retiramos o baço dos animais, recuperamos as células esplênicas e fusionamos as mesmas com células de mieloma murino segundo o método descrito por Köhler & Milstein (1975). Após o processo de fusão, os hibridomas foram distribuídos em placas de cultura e os híbridos viáveis foram retidos e testados quanto à sua especificidade. Os híbridos considerados de alta reatividade foram clonados e estabilizados durante os 4 primeiros meses de cultura, depois expandidos in vitro (cultura) e in vivo.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante., Financiador(es): Financiadora de Estudos e Projetos - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 2

  • 1996 - 1998

    Estudo dos Antígenos Leucocitários Suínos e Tolerização objetivando Xanotransplante., Descrição: A crescente demanda de órgãos para transplantes versus a também crescente dificuldade em obter órgãos para os referidos transplantes tem aumentado a fila de espera, o que tem determinado, só no estado de São Paulo, um grande número de óbitos. Para contribuir com o avanço tecnológico e produzir marcadores que propiciarão no futuro o monitoramento de prováveis órgãos oriundos de animais preparados para transplantes de órgãos, estabelecemos protocolos de obtenção e caracterização de anticorpos monoclonais murinos dirigidos contra antígenos eritrocitários de suínos Large White.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Alexandre Krause - Integrante / Ana Paula Ehrandt Oliveira - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1

  • 1994 - 1998

    Expansão clonal de anti-A, anti-B e anti-AB para uso em bancada, Descrição: Após a implantação do Laboratório de produção de anticorpos Monoclonais murinos a Divisão Hemocentro inciou uma nova fase de produção de insumos por biotecnologia. Os anticorpos anti-A, anti-B e anti-AB para a tipagem sangüínea rotineira foi validado por testes em paralelo com duas diferentes fontes comerciais de reagentes, obtendo desempenho superior numa amostragem de mais de 100.000 tipagens sangüíneas. Uma vez validados, entrou-se na fase de expansão clonal e produção de lotes de reagentes para uso interno em bancada, sem comercilização. Desta forma, isentos de registro no Ministério da Saúde.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Fátima Regina Guimarães - Integrante / Tania Rosalem - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 5

  • 1994 - 1998

    Produção de Anticorpos monoclonais dirigidos contra antígenos eritrocitários humanos, Descrição: Utilizando o avanço tecnológico da engenharia celular, implantamos no hemocentro de Botucatu o laboratório de produção de Anticorpos Monoclonais com objetivo claro de produzir insumos para a bancada da hemoterapia. Este objetivo era calcado na c]necessidade do serviço utilizar insumos de origem biotecnológico, mais seguros, mais precisos, porem de alto custo. Tendo em vista o término do contrato com a Universidade, este projeto teve continuidade com a contratação da pesquisadora, pelas regras CLT, para não haver descontinuidade do mesmo. Vários sub-produtos deste projeto inicial dão margem hoje à outras teses de mestrado e doutorado.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (4) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Tânia Rosalem - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 10 / Número de orientações: 6

  • 1993 - 1994

    Obtenção, Caracterização e Validação de anticorpos monoclonais anti-A, anti-B e anti-AB, Descrição: Em 1992, com a implantação do laboratório de produção de anticorpos monoclonais, a linha mestra de pesquisa ficou estabelecida como sendo a produção de anticorpos monoclonais dirigidos contra antígenos eritrocitários humanos que viessem após a padronização, validação e registro, substituir os reagentes de bancada vigentes naquela época no país, na sua maior parte, de origem policlonal. A origem mencionada dos anticorpos largamente comercializados no país, é humana, o que confrontava e confronta com a constituição federal que proíbe comercialização dos sangue e de seus derivados. Com intuito de obter anticorpos melhores para uso em bancada, respeitar a constituição brasileira e por questões de biossegurança, melhorar a qualidade de vida dos trabalhadores dos laboratórios de imunohematologia, os três mais usados anticorpos de uso imunohematolõgico foram produzidos.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 3

  • 1992 - 1993

    Implantação da Tecnologia de Produção de Anticorpos Monoclonais, Descrição: Depois de mestrado e doutorado na área de biotecnologia aplicada à transfusão, com teses realizadas no Institut National de Transfusion Sanguine de Paris/ Université Pierre et Marie Curie/Paris VI/França, o desafio foi a implantação do laboratório de engenharia celular voltado à produção de anticorpos monoclonais murinos para uso em bancada com fins hemoterápicos. Em meados de abri/maio de 1992 começou a tramitação na universidade para que pudesse me submeter ao concurso para a vaga de pesquisadora. Tão logo isto foi possível, com o despacho do reitor publicado 27/5/1992, processo 1011-92-FM-Bo, dei início à implantação dom referido laboratório. Inicialmente realizei uma auditoria para analisar as práticas laboratoriais e as condições de biossegurança e técnicas. Esta auditoria levou à implantação do grupo, que posteriormente se tornou Comitê de Biossegurança, Qualidade e Bioética, para a padronização dos procedimentos e adequação dentro de padrões interncaionais de qualidade. A grande dificuldade incial foi a aquisição de nitrogênio líquido para a manutenção dos clones a serem produzidos. Em dezembro de 1992 consegui obter o primeiro sucesso em cultura celular, após vários problemas, todos ligados às deficiêcnias de infra-estrutura e treinamentoi de equipe. O investimento inicial para equipar o laboratório vieram fundamentalmente da Secretaria Estadual de Saúde e FINEP.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (4) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Tânia Rosalem - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2014 - Atual

    NEOFORMAÇÃO ÓSSEA: RETALHO DE GÁLEA E PERIÓSTEO PREENCHIDO COM CÉLULAS TRONCO MESENQUIMAIS. ESTUDO EM COELHO., Descrição: Trata-se do trabalho de doutorado da aluna Ryane Schmidt Brock, orientada do Prof. Fausto Viterbo, sendo que a parte da dissociação, expansão e caracterização das CTM de tecido adiposo são feitas em colaboração com o Laboratório de Engenharia Celular.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (0) Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Fausto Viterbo - Coordenador / Ryane Schmidt Brock - Integrante / Camila Juliane Sena Maleski - Integrante.

  • 2013 - Atual

    TRANSPLANTE TRAQUEAL EM RATOS UTILIZANDO TÉCNICAS DE RECONSTITUIÇÃO DE VIA AÉREA HOMÓLOGA COM CÉLULAS AUTÓLOGAS POR ENGENHARIA TECIDUAL, Descrição: A utilização de matriz extracelular como suporte biológico possui a vantagem e poder ser recelularizada com células do receptor. A recelularização do suporte biológico (matriz extracelular) é realizada por células autólogas cultivadas (epitélio respiratório) e condrócitos. Fundamentados na hipótese de que a reconstituição da via aérea homóloga com células autólogas utilizando-se técnica de engenharia tecidual é exequível, desenhamos um estudo experimental como objetivo de avaliar a viabilidade dos enxertos traqueais descelularizados e recelularizados em um modelo experimental de transplante traqueal em ratos.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristina Evaristo - Integrante / Paulo Francisco Guerreiro Cardoso - Integrante / Paulo Manoel Pego Fernandes - Integrante / Rogério Pazzetti - Integrante / Daniele Cristina Cataneo - Integrante.

  • 2013 - Atual

    ESTUDO DAS PROPRIEDADES VISCOELÁSTICAS DE TRAQUEIAS RECONSTRUÍDAS POR ENGENHARIA DE TECIDOS UTILIZANDO UM AMBIENTE DE AVALIAÇÃO DE MECÂNICA RESPIRATÓRIA POR IMAGEM., Descrição: O presente estudo experimental tem por objetivo avaliar as propriedades mecânicas de traqueias in vitro, comparando o comportamento de traqueias normais de ratos versus traqueias descelularizadas e recelularizadas por engenharia tecidual. Para tal, será utilizado uma nova instrumentação composta de ambiente de processamento de imagens e condicionamento/estimulação de tecidos, desenvolvidos recentemente no Laboratório de Engenharia Biomédica-Escola Politécnica-USP. Tal tecnologia é inédita e as análises preliminares da mecânica de traqueias descelularizadas, recelularizadas e normais, demonstram a capacidade do equipamento em executar as medidas de interesse... , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristine Evaristo - Integrante / Paulo Francisco Guerreiro Cardoso - Integrante / Daniele Cristina Cataneo - Integrante / Henrique Takachi Moriya - Integrante.

  • 2013 - Atual

    AVALIAÇÃO DA REOLOGIA DAS CÉLULAS TRAQUEAIS ISOLADAS ATRAVÉS DA CITOMETRIA MAGNÉTICO ÓPTICA DE OSCILAÇÃO (OMTC), Descrição: A confecção de neotraquéia a partir de engenharia tecidual combina processos de descelularização de aloenxertos traqueais com subsequente recelularização do enxerto. A engenharia de tecidos permite que as traquéias descelularizadas possam ser recelularizadas com condrócitos diferenciados a partir de cultura de células-tronco mesenquimais de tecido adiposo e células epiteliais respiratórias (CERs) obtidas do próprio receptor. Apesar da similaridade do epitélio respiratório e da musculatura lisa produzidos por técnicas de engenharia tecidual, pouco se sabe sobre as possíveis alterações do citoesqueleto destas células geradas em cultura, bem como seu impacto nas propriedades mecânicas intrínsicas da traquéia própriamente dita. O objetivo do presente estudo é o de avaliar-se o comportamento da microreologia celular da traquéia in vitro através da OMTC comparando-se células cultivadas à partir de traquéias normais com células utilizadas para a recelularização traqueal... , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristine Evaristo - Integrante / Paulo Francisco Guerreiro Cardoso - Integrante / Adriano Alencar - Integrante.

  • 2012 - Atual

    Estudo Multicêntrico do uso de Biocurativo no tratamento de feridas crônicas, Descrição: O Laboratório de Engenharia Celular, vem desde 2001 mantendo linha de pesquisa na área de curativos bioativos, denominados de Biocurativos. Atualmente, 3 produtos já foram validados em fase clínica I (humanos) sob aprovação do CONEP. Com o objetivo de avaliar a experiência de outros centros brasileiros com o uso dos produtos aqui desenvolvidos, delineou-se este projeto com a participação de 3 diferentes estados brasileiros.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Coltrim, OS - Integrante., Financiador(es): Fundo Nacional de Saúde Ministério da Saúde - Auxílio financeiro.

  • 2010 - 2012

    IMPLANTE DE CÉLULAS-TRONCO MESESENQUIMAIS AUTÓLOGAS ASSOCIADAS AO PRP EM TENDINITES EXPERIMENTAIS EM EQUINOS, Descrição: A tendinite do flexor digital superficial (TFDS) é uma das lesões mais comuns em eqüinos de alto desempenho, acarretando em uma significante morbidade e grande perda econômica na indústria eqüestre. Existem vários tipos de tratamentos descritos na literatura, que têm contribuído de forma significativa para o restabelecimento da morfo-fisiologia do tendão. No entanto há um campo fértil para inovar e melhorar a qualidade da matriz extracelular da estrutura tendínea. Com o advento da biotecnologia, a medicina regenerativa vem evoluindo significativamente e já existem trabalhos promissores no emprego de terapia celular e implante de plasma rico em plaquetas (PRP) na tendinite eqüina. Este trabalho tem como objetivo o implante autólogo de células-tronco mesenquimais (CTM) derivadas do tecido adiposo associada ao PRP em um dos membros torácicos de eqüinos com TFDS, que será induzida pelo emprego da colagenase. Os animais serão avaliados por parâmetros clínicos, exames de ultrassonografia, doppler-sonografia e após as biópsias a serem realizadas no 40o dia para avaliação do homing celular, ou seja, transporte dessas células do membro implantado (tratado) para o membro contralateral (controle); e no 150o dia do experimento, serão verificadas as características histológicas, imunoistoquímicas e avaliação da expressão gênica tendínea. Resumo em Inglês Objetivos 1. Objetivos gerais 1.1 Avaliação da eficácia da associação das células-tronco mesenquimais derivadas do tecido adiposo e o plasma rico em plaquetas na reparação tecidual do tendão. 1.2 Monitoramento das células-tronco autólogas inoculadas (homing celular), através da expressão das CTM marcadas com nanocristal quantum dot (Qtraker 655®). 2. Objetivos específicos 2.1 Caracterização imunofenotípica da superfície das células-tronco mesenquimais utilizando os marcadores CD44, CD90. 2.2 Avaliação do efeito do tratamento frente a parâmetros clínicos do aparelho locomotor eqüino. 2.3 Avaliação do efeito do tratamento f. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa.

  • 2009 - 2011

    Proposta de modelo experimental de neotraquéia em coelho utilizando técnicas de engenharia de tecidos, Descrição: Injúrias traqueais são problemas na prática cirúrgica, pois apresentam dificuldades no tratamento. A engenharia tecidual (ET) consiste na regeneração de órgãos, através do recrutamento de tecidos do paciente, dissociados em células que são cultivadas sobre suportes biológicos ou sintéticos, para serem reinseridos no paciente; sendo a única técnica para substituição traqueal que fornece promessa real. A ET já tornou possível a substituição traqueal em paciente que apresentava estenose traqueobrônquica melhorando a qualidade de vida. Assim é possível construir uma neotraquéia com propriedades mecânicas que permitem a fisiologia normal, sem riscos de rejeição, provando que, células autólogas combinadas com biomateriais apropriados podem fornecer soluções funcionais em situações cirúrgicas complexas. O maior desafio é construir por meio de técnicas de ET uma via respiratória funcional que seja uniforme e altamente eficiente na cultura celular na superfície externa e interna da matriz tubular tridimensional, co-cultivando diferentes tipos celulares. Estabelecer um protocolo de modelo experimental de neotraquéia sobre uma estrutura tridimensional autóloga recobrindo-a externamente com o tecido cartilaginoso e internamente com epitélio respiratório é o desafio deste projeto.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado profissional: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Sérgio Felisbino - Integrante / Thaiane Cristina Evaristo - Integrante / Flávia Cilene Alves - Integrante / Raul Ruiz Junior - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2011

    Estudo comparativo de Gel de Plaquetas home made versus Hidrocolóide no processo de cicatrização de úlceras crônicas de etiologia venosa, Descrição: A úlcera de extremidades de membros inferiores representa uma patologia com alta incidência e prevalência afetando de 1 a 3% da população nos países em desenvolvimento. A etiologia vascular é a principal causa com 75 a 90% dos casos. A úlcera venosa dos membros inferiores é um problema comum nos países ocidentais, causando significante impacto socioeconômico. Diversos tipos de curativos têm sido desenvolvidos e estão disponíveis no mercado, sendo o acesso aos mesmos, limitado. Entre os diferentes curativos no mercado aqueles com fatores de crescimento usam mediadores biológicos naturais caracterizados como peptídeos com receptores teciduais. O Hemocentro de Botucatu vem desenvolvendo um hemocomponente de uso tópico a partir de produto excedente da pratica transfusional: plasma fresco congelado e concentrado de plaquetas(CP). As moléculas sinalizadoras (fatores de crescimento) solúveis, presentes no CP são integrantes fundamentais da nova apresentação denominada Gel de Plaquetas ou Biogel. Este produto favorece a migração, a proliferação e a diferenciação celular contribuindo para a modulação da resposta cicatricial. Este trabalho se propõe a aprimorar o gel de plaquetas laminar (Biogel), tendo em vista que a degranulação das plaquetas levam à liberação de inúmeros fatores: do aracdonato, prostaglandina PGE2, tromboxano (TXA), fator de agregação plaquetária (PAF), fator de crescimento derivado de plaquetas (PDGF) e vascular endotelial (VEGF) além daqueles derivados de fibroblastos (FGF), fator epidermal (EGF), e do fator transformador de crescimento β (TGF-β). Além de padronizar a dose-aplicação, esta pesquisa propõe comparar o desempenho do Biogel com o Hidrocolóide existente no mercado.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Aun - Integrante / Mariele Gobo - Integrante.

  • 2009 - 2011

    Produção de materiais nanoparticulados para processos baseados em imunocitoquímica, Descrição: PROJETO MULTICENTRICO SOB A COORDENAÇÃO PROF. SIDNEY RIBEIRO: Este projeto tem como meta principal a formação de uma rede internacional multidisciplinar envolvida na formação de mão de obra qualificada na área de nanomateriais com aplicação em medicina (4 doutores, 8 estágios de pós-doutoramento e estágios de estudantes de graduação). Os objetivos intermediários científicos a serem atendidos podem ser definidos como: -preparação de nanopartículas de óxidos de silício, alumínio, polímeros, contendo compostos luminescentes orgânicos e/ou de íons lantanídeos para calibração de citômetros de fluxo; -Validar aumento de vida de prateleira e sustentabilidade do produto sem proteção à luz em comparação com os produtos comerciais; -Isolamento de anticorpos monoclonais (ex. anti-linfócito B, anti-linfocito T, anti-leucócito, anti-mesenquimal) e acoplamento à nanopartículas magnéticas (ex. cobalto) para separação celular por seleção magnética positiva e negativa de populações celulares específicas*; -Desenvolvimento e caracterização de nanopartículas biodegradáveis luminescentes, e nanopartículas contendo quimioterápicos, ambas funcionalizadas por anticorpos monoclonais específicos; -Avaliação da capacidade de internalização de nanopartículas luminescentes funcionalizadas com mAbs anti-linfócitos B; -Estudo dinâmico de morte celular, in vitro, com co-cultivo de linhagem de linfoma B em presença de nanopartículas biodegradáveis funcionalizadas por anticorpos monoclonais anti-linfocitos B e também contendo quimioterápicos; -Realizar o seqüenciamento molecular da região dos clones codificadora das imunoglobulinas de interesse, de modo a se deter a originalidade, característica vinculada à patenteabilidade do produto. * corresponde às atividades a serem desenvolvidas na UNESP-BOTUCATU JUSTIFICATIVA PARA IMPLEMENTAÇÃO DO PROJETO: Este projeto visa a formação de uma rede interdisciplinar envolvendo químicos, físicos, biólogos, engenheiros químicos, biomédicos. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Priscila Murador - Integrante / Flávia Cilene Alves - Integrante / Michele Valério - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.

  • 2007 - 2010

    Avaliação de aspectos fisiológicos e cinéticos chaves do cultivo de hibridomas para produção de imunoglobulinas de uso hemoclassificatório, Descrição: : O objetivo desta pesquisa é avaliar as características fisiologicas e cinéticas de três hibridomas visando o desenvolvimento de um bioprocesso para produção otimizada de três anticorpos monoclonais a serem utilizados na tipagem sanguínea pelo sistema ABO, os quais são atualmente importados pelo sistema de saúde Brasileiro. Os hibridomas serão cultivados em escala de laboratório em duas etapas. Na primeira, os cultivos serão realizados em frascos spinner para conhecer várias características fisiológicas dos hibridomas que permitam identificar parâmetros relativos ao cultivo passíveis de melhora como comosião do meio de cultura, temperatura, pH e oxigenação. Numa segunda etapa, tendo melhorado as condições de cultivo dos hibridomas, serão feitos experimentos em biorreator de aprox. 1L para a obtenção de dados sobre cinética de crescimento e de produção dos anticorpos monoclonais. De posse das informações obtidas nas duas etapas será feito uma análise de engenharia de processo para definir estratégias de operação do biorreator que conduzam a altas produtividades dos anticorpos monoclonais que deverão ser validadas em experimentos de cultivo no mesmo biorreator. Os resultados finais obtidos serão utilizados para o delineamento de um bioprocesso para produção em escala piloto de cada anticorpo monoclonal. Os estudos de aumento de escala (industrial) serão deixados para uma pesquisa posterior, uma vez que os custos para este tipo de estudo são bem maiores. Os resultados da pesquisa são do interesse da Empresa Brasileira de Hemoderivados e Biotecnologia (Hemobras), co-participe desta pesquisa.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Suazo, CAT - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2007 - 2009

    Caracterização de anticorpos monoclonais anti-CD45, Descrição: Este projeto tem como objeto a caracterização e validação de clones anti-CD45 obtidos pelo Laboratório de Engenharia Celular do Hemocentro de Botucatu. A validação realizada tem como objetivo o uso em citometria de fluxo com marcação com isotiocianato de fluoroceína e em imunohistoquímica testando pela tecnologia de Tissue array em colaboração com Departamento de Patologia do HC-FMB/UNESP.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Marjorie de Assis Golim - Integrante / Luciandro Sodré - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 1

  • 2007 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais anti-Taenia Saginata, Descrição: Projeto em parceria com professora Cáris Nunes da UNESP de Araçatuba.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Josy Campanhã Vicentini - Integrante / Caris Maroni - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1

  • 2005 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais de Uso Hemoterápico, Descrição: Trata-se da otimização de clones existentes e da produção de novos clones para uso em hemoterapia. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Especialização: (1) / Mestrado profissional: (3) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Marina de Souza - Integrante / Daniel Bassetto Jesuíno - Integrante / Elaine Navarro - Integrante / Aparecida Vitória G. Souza - Integrante., Financiador(es): Agência Nacional de Vigilância Sanitária - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 8

  • 2005 - 2007

    Construção de Área limpa e Laboratório Classificado NB3 para a produção de anticorpos monoclonais anti-RSV, Descrição: A construção de área limpa classificada 10.000 e de um laboratório de contenção de nivel 3 de segurança - NB3 trata-se de uma proposta cooperada dentro do Genoma Vírus financiado pela Fapesp sob a coordenação da Profa. Dra. Maria Inês de Moura Campos Pardini. O Laboratório de Engenharia celular obteve esta área física contemplada dentro do compromisso do desenvolvimento de anticorpos monoclonais anti proteína F do RSV ( vírus sincicial respiratório) responsável por enfermidades graves em crianças no mundo todo. A proposta é a produção do anticorpo monoclonal a partir da proteína F pruduzida por tecnologia recombinante pelo grupo cooperado do Genoma Vírus.. , Situação: Desativado; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (2) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Maria Inês de Moura Campos Pardini - Coordenador / Andrei Moroz - Integrante / Marina de Oliveira - Integrante / Elaine Navarro - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2005 - 2006

    Desenvolvimento de Insumos estratégicos para acompanhamento de pacientes com AIDS - UNESCO, Descrição: Monoclonal antibodies (mAbs) are identical because they were produced by one type of immune cell. Antigen is injected into mice some of the immune system B-cells will turn into plasma cells and start to produce antibodies. B-cells from mice spleen are removed and fused with myeloma tumor cells (NS1) that grow indefinitely in culture originating hybridomas. These are cloned, so that one obtains a number of different colonies, each producing only one type of antibody. When the clone cells are injected in the peritoneal cavity mice, they produce tumors containing an antibody-rich fluid called ascitic fluid. The purpose of the development of these mAbs is for application to the differential diagnosis of B-cell disorders. Patient Cells with B-cell chronic lymphocytic leukemia were immunophenotyping by flow cytometry (FC) for determination of the immunogens (human lymphocyte B - HLB). Peripheral blood mononuclear cells were isolated from whole blood samples using density gradient centrifugation. Twenty-five BALB/c mice were immunized intraperitoneally with HLB. The spleen was removed, a cell suspension produced was fused using polyethylene glycol with NS1/HLB cells and plated out into HAT-selective growth medium. The cultures were incubated for approximately until significant colony growth was apparent. The hybrids supernatant culture that demonstrated a better performance were collected and tested by FC (screening) for the presence of the appropriate mAbs. Cells from positive wells were single-cell cloned. Screening was repeated for the confirmation of the especificity of mAb, proceeded in vivo expansion for attainment from high-titered solution of mAb - ascitic fluid. The cellular fusion resulted in 1248 hybridomas, of which 22 were positive by FC and subsequently cloned resulting 29 clones. These 29 tested by FC staining 20 were strongly positive, so that the clone cells are injected in 100 mice to produced ascitic fluid.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Marjorie de Assis Golim - Integrante / Renata Bittencourt - Integrante / Marina Oliveira - Integrante., Financiador(es): Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais em Hemoterapia, Descrição: O projeto intitulado Produção e Validação de reagentes monoclonais para uso Hemoterápico foi apresentado a Agência Nacional de Vigilância Sanitásria - ANVISA, recebendo parecer favorável tendo sido efetuado convênio com a Fundação para o Desenvolvimento Médico Hospitalar - FAMESP, conênio 030/2004 para o repasse de recursos financeiros que viabilizarão até meados de 2006 o registro de anticorpos monoclonais produzidos e validados no Brasil. Coordenador do Projeto. Alunos envolvidos: Iniciação científica 2, especialização 1 e mestrado 2.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante / Andrei Moroz - Integrante / Carlos Tognolli - Integrante / Débora Botéquio - Integrante., Financiador(es): Agência Nacional de Vigilância Sanitária - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 7 / Número de orientações: 3

  • 2004 - 2008

    Produção e validação de Anticorpos monoclonais de uso Médico, Descrição: Durante o treinamento de recursos humanos de áreas estratégicas do país (Piauí, Acre) identificamos o grave problema de fornecimento de material diagnóstico em pequena quantidade para áreas distantes, muito quentes, cujo forncedor coloca preço proibitivo para os insumos, obrigando muitas vezes o serviço a usar insumos vencidos. Com objetivo de registrar insumos junto à anvisa, propusemos este projeto, cujos produtos obtidos, validados e registrados serão disponibilizados para as áreas brasileiras com menor recursos financeiro, com intuito de garantir uma transfusão eficaz e segura em qualquer ponto de território brasileiro. O projeto foi submetido ao CNPq tendo sido aprovado. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Rita de Cássia Alvarado - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 34 / Número de orientações: 12

  • 2003 - 2010

    Desenvolvimento de cola de fibrina home made para uso tópico, Descrição: Trata-se da obtenção de cola de fibrina a partir de plasma excedente. Este projeto contém etapas intermediárias, entre elas, a fase devalidação do plasma excedente através das determinações de Fatores V, VIII, IX, XIII, fibrinogênio, fibronectina, PDGF e VEGF. Outra etapa configura-se com a purificação da trombina humana. A terceira etapa é a formação da cola de fibrina home made, considerado hemocomponente de uso tópico. Tal hemocomponentes, oiu biocurativo vem sendo aplicado, com a respectiva autorização do CONEP em seres humanos para a cicatrização de feridas crônicas de etiologia venosa.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado profissional: (4) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Danielle Morais - Integrante / Illymach Canedo Ferreira de Araújo - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante., Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 4

  • 2002 - 2004

    Uso de Biocurativo nas úlceras de pressão, Descrição: Produção de biocurativo: constituição de pasta dermatológica modificada e enriquecida com proteínas humanas concentradas oriundas da preparação de crioprecipitado. Esta pasta foi enriquecida com altas concentrações de fibrinogêncio, fibronectina, vit A, flavonóides, Vit. C, entre outros elementos anti-oxidantes e testados em animais e posteriormente à aprovação do Conep, foi usada para a cicatrização de úlceras de pressão em pacientes cujo tratamento clássico não cicatrizava a lesão. Trata-se de obtenção de cola de fibrina home made, de origem integralmente humana.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Marla Andréia Garcia - Integrante / Gilsara Alves - Integrante., Número de orientações: 1

  • 2001 - Atual

    Estruturação ex-vivo de vasos sanguíneos a partir da diferenciação de células tronco de coelhos, Descrição: A doença arterial obstrutiva periférica está presente em 5% da população e em cerca de 20 a 30% dos casos pode evoluir para amputação do membro inferior acometido, mesmo com os tratamentos hoje existentes. Por isso, justifica-se a busca por novas técnicas para controle da evolução da doença. Pesquisas recentes envolvendo células tronco e engenharia celular apontam para um futuro promissor com base na terapêutica regenerativa e substitutiva de tecidos. A terapia celular é um ramo da medicina regenerativa e consiste em três vertentes terapêuticas: condutiva, a qual se refere ao re-estabelecimento autônomo das células através de estímulo externo; indutiva, em que fatores de crescimento são adicionados à célula para que esta se regenere. As células-tronco perfazem a terceira vertente e são utilizadas na terapia celular para regeneração tecidual. O desafio deste estudo está relacionado a terceira vertente acima mencionada, focalizando o aprimoramento das técnicas de engenharia celular, com a finalidade de produzir um substituto arterial autólogo in vitro, utilizando células tronco mesenquimais (CTM) de tecido adiposo de coelho que serão cultivadas sob um ?scaffold?e/ou biomaterial descelularizado. Em seguida, estas CTM serão diferenciadas em tecido endotelial e tecido muscular liso de forma a mimetizar a parede do vaso sanguíneo. Futuramente, esse modelo poderá vir a ser aplicado em enxertos vasculares (by-pass) que atualmente se faz através do uso da veia safena magna autóloga ou com o uso de próteses sintéticas inorgânicos, as quais podem provocar a rejeição. Dessa forma, espera-se contribuir para o desenvolvimento de novas alternativas para o tratamento dos pacientes portadores de insuficiência arterial.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 1999 - 2002

    Produção de Anticorpos Monoclonais Anti-produto de degradação do fibrinogênio/fibrina humano, Descrição: O processo hemostático para a formação do trombo é iniciado um complexo de substância denomiadas ativadores da protrombina que fará a conversão desta em trombina. Por sua vez, a trombina age sobre a molécula de fibrinogênio convertendo-o em fibrina. As novas técnicas de engenharia celulares avançaram muito nas últimas décadas. Entre os avanços destaca-se a produção de anticorpos monoclonais murinos (AcMm) e humanos segundo Köhler e Milstein(1975). Os hemoderivados obtidos através de AcMm possuem uma qualidade inquestionável quanto à pureza sendo a maioria obtida somente no mercado internacional. A obtenção de AcMm contra o produto de degradação fibrinogênio/fibrina humano terá sua utilização nas rotinas laboratoriais contribuindo para o diagnóstico de inúmeras patologias. Camundongos Balb/c foram imunizados com: crioprecipitado ( protocolo ROSOB), fibrinogênio purificado pelo método de Kazal e cols. modificado ( protocolo CRIS), fibrinogênio comercial ( protocolo FIB), fragmento D comercial ( protocolo DIM). As células esplênicas do animal imunizado foram fusionadas com células mielomatosas NS1-1 e os híbridos foram selecionados levando em consideração os apectos genéticos HGPRT negativos do mieloma e positivo das células híbridas. Os anticorpos obtidos foram testados pela técnica ELISA, dot blot, testes de inibição e caractereizados por imunoblotting, sendo que o peso molecular da proteína que cada anticorpo reconhecia foi determinado após análise por imagem comparativa (VDS)-Amersham Pharmacia Biotech. As classes e sub-classes de imunoglobulinas foram determinadas pelo método de imunodifusão radial e confirmadas por citometria de fluxo.A monoclonalidade foi estabelecida pela eletroforese em gel de agarose. Os anticorpos obtidos reconhecem produtos de degradação do fibrionogênio: anti-produto de degradação do fagmento Y ( anticorpo reconhecendo proteínas de PM 50.700 e 40.300 daltos) e anti- fragmento D ( anticorpo reconhecendo proteína de PM= 32.400 dalton.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Cristiane Aparecida Ferino - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 1996 - 2001

    Produção de Anticorpos Monoclonais anti-Fator VIII da coagulação, expansão clonal e domínio da tecnologia de produção em larga escala, Descrição: CONTROLE DE QUALIDADE DE HEMODERIVADOS: QUALIDADE DE VIDA DO HEMOFÍLICO. Deffune, Elenice, Ferreira-Rossi, Rosana, Guimarães, Fátima Regina e Machado, Paulo Eduardo de Abreu. Hemocentro de Botucatu-Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina-UNESP. O desenvolvimento de talentos na área da saúde para o atendimento universal, multiprofissional e de qualidade para os hemofílicos é um dos desafios das últimas décadas.Envolvidos em processos dolorosos mundiais, fruto de utilização de produtos lábeis ou hemoderivados de padrão questionáveis, os hemofílicos foram assolados pelo HIV. O esforço biotecnológico mundial trouxe excelentes resultados obtendo produtos cada vez mais puros, específicos e viro-inativados. No entanto, estes produtos distribuídos no mundo todo, nem sempre tem seu transporte com a cadeia de frios que necessitam e podem ser alterados, prejudicados e mesmo ter total ineficácia terapêutica. Preocupados com a falta de controle pós-compra elaboramos um projeto de produção de anticorpos monoclonais murinos (AcMm) dirigidos contra fator VIII da coagulação com o intuito de obter uma ferramenta tecnológica para controle e validação dos produtos, antes da liberação para uso terapêutico em cada serviço. Os AcMm foram obtidos após a imunização de um grupo de camundongos, por via intraperitoneal, com FVIII natura cuja fonte foi crioprecipitado com intervalo de 21 dias entre as injeções. Após 45 dias retiramos o baço dos animais, recuperamos as células esplênicas e fusionamos as mesmas com células de mieloma murino segundo o método descrito por Köhler & Milstein (1975). Após o processo de fusão, os hibridomas foram distribuídos em placas de cultura e os híbridos viáveis foram retidos e testados quanto à sua especificidade. Os híbridos considerados de alta reatividade foram clonados e estabilizados durante os 4 primeiros meses de cultura, depois expandidos in vitro (cultura) e in vivo.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante., Financiador(es): Financiadora de Estudos e Projetos - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 2

  • 1996 - 1998

    Estudo dos Antígenos Leucocitários Suínos e Tolerização objetivando Xanotransplante., Descrição: A crescente demanda de órgãos para transplantes versus a também crescente dificuldade em obter órgãos para os referidos transplantes tem aumentado a fila de espera, o que tem determinado, só no estado de São Paulo, um grande número de óbitos. Para contribuir com o avanço tecnológico e produzir marcadores que propiciarão no futuro o monitoramento de prováveis órgãos oriundos de animais preparados para transplantes de órgãos, estabelecemos protocolos de obtenção e caracterização de anticorpos monoclonais murinos dirigidos contra antígenos eritrocitários de suínos Large White.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Alexandre Krause - Integrante / Ana Paula Ehrandt Oliveira - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1

  • 1994 - 1998

    Produção de Anticorpos monoclonais dirigidos contra antígenos eritrocitários humanos, Descrição: Utilizando o avanço tecnológico da engenharia celular, implantamos no hemocentro de Botucatu o laboratório de produção de Anticorpos Monoclonais com objetivo claro de produzir insumos para a bancada da hemoterapia. Este objetivo era calcado na c]necessidade do serviço utilizar insumos de origem biotecnológico, mais seguros, mais precisos, porem de alto custo. Tendo em vista o término do contrato com a Universidade, este projeto teve continuidade com a contratação da pesquisadora, pelas regras CLT, para não haver descontinuidade do mesmo. Vários sub-produtos deste projeto inicial dão margem hoje à outras teses de mestrado e doutorado.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (4) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Tânia Rosalem - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 10 / Número de orientações: 6

  • 1994 - 1998

    Expansão clonal de anti-A, anti-B e anti-AB para uso em bancada, Descrição: Após a implantação do Laboratório de produção de anticorpos Monoclonais murinos a Divisão Hemocentro inciou uma nova fase de produção de insumos por biotecnologia. Os anticorpos anti-A, anti-B e anti-AB para a tipagem sangüínea rotineira foi validado por testes em paralelo com duas diferentes fontes comerciais de reagentes, obtendo desempenho superior numa amostragem de mais de 100.000 tipagens sangüíneas. Uma vez validados, entrou-se na fase de expansão clonal e produção de lotes de reagentes para uso interno em bancada, sem comercilização. Desta forma, isentos de registro no Ministério da Saúde.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Fátima Regina Guimarães - Integrante / Tania Rosalem - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 5

  • 1993 - 1994

    Obtenção, Caracterização e Validação de anticorpos monoclonais anti-A, anti-B e anti-AB, Descrição: Em 1992, com a implantação do laboratório de produção de anticorpos monoclonais, a linha mestra de pesquisa ficou estabelecida como sendo a produção de anticorpos monoclonais dirigidos contra antígenos eritrocitários humanos que viessem após a padronização, validação e registro, substituir os reagentes de bancada vigentes naquela época no país, na sua maior parte, de origem policlonal. A origem mencionada dos anticorpos largamente comercializados no país, é humana, o que confrontava e confronta com a constituição federal que proíbe comercialização dos sangue e de seus derivados. Com intuito de obter anticorpos melhores para uso em bancada, respeitar a constituição brasileira e por questões de biossegurança, melhorar a qualidade de vida dos trabalhadores dos laboratórios de imunohematologia, os três mais usados anticorpos de uso imunohematolõgico foram produzidos.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 3

  • 1992 - 1993

    Implantação da Tecnologia de Produção de Anticorpos Monoclonais, Descrição: Depois de mestrado e doutorado na área de biotecnologia aplicada à transfusão, com teses realizadas no Institut National de Transfusion Sanguine de Paris/ Université Pierre et Marie Curie/Paris VI/França, o desafio foi a implantação do laboratório de engenharia celular voltado à produção de anticorpos monoclonais murinos para uso em bancada com fins hemoterápicos. Em meados de abri/maio de 1992 começou a tramitação na universidade para que pudesse me submeter ao concurso para a vaga de pesquisadora. Tão logo isto foi possível, com o despacho do reitor publicado 27/5/1992, processo 1011-92-FM-Bo, dei início à implantação dom referido laboratório. Inicialmente realizei uma auditoria para analisar as práticas laboratoriais e as condições de biossegurança e técnicas. Esta auditoria levou à implantação do grupo, que posteriormente se tornou Comitê de Biossegurança, Qualidade e Bioética, para a padronização dos procedimentos e adequação dentro de padrões interncaionais de qualidade. A grande dificuldade incial foi a aquisição de nitrogênio líquido para a manutenção dos clones a serem produzidos. Em dezembro de 1992 consegui obter o primeiro sucesso em cultura celular, após vários problemas, todos ligados às deficiêcnias de infra-estrutura e treinamentoi de equipe. O investimento inicial para equipar o laboratório vieram fundamentalmente da Secretaria Estadual de Saúde e FINEP.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (4) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Tânia Rosalem - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2014 - Atual

    NEOFORMAÇÃO ÓSSEA: RETALHO DE GÁLEA E PERIÓSTEO PREENCHIDO COM CÉLULAS TRONCO MESENQUIMAIS. ESTUDO EM COELHO., Descrição: Trata-se do trabalho de doutorado da aluna Ryane Schmidt Brock, orientada do Prof. Fausto Viterbo, sendo que a parte da dissociação, expansão e caracterização das CTM de tecido adiposo são feitas em colaboração com o Laboratório de Engenharia Celular.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (0) Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Fausto Viterbo - Coordenador / Ryane Schmidt Brock - Integrante / Camila Juliane Sena Maleski - Integrante.

  • 2013 - Atual

    TRANSPLANTE TRAQUEAL EM RATOS UTILIZANDO TÉCNICAS DE RECONSTITUIÇÃO DE VIA AÉREA HOMÓLOGA COM CÉLULAS AUTÓLOGAS POR ENGENHARIA TECIDUAL, Descrição: A utilização de matriz extracelular como suporte biológico possui a vantagem e poder ser recelularizada com células do receptor. A recelularização do suporte biológico (matriz extracelular) é realizada por células autólogas cultivadas (epitélio respiratório) e condrócitos. Fundamentados na hipótese de que a reconstituição da via aérea homóloga com células autólogas utilizando-se técnica de engenharia tecidual é exequível, desenhamos um estudo experimental como objetivo de avaliar a viabilidade dos enxertos traqueais descelularizados e recelularizados em um modelo experimental de transplante traqueal em ratos.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristina Evaristo - Integrante / Paulo Francisco Guerreiro Cardoso - Integrante / Paulo Manoel Pego Fernandes - Integrante / Rogério Pazzetti - Integrante / Daniele Cristina Cataneo - Integrante.

  • 2013 - Atual

    ESTUDO DAS PROPRIEDADES VISCOELÁSTICAS DE TRAQUEIAS RECONSTRUÍDAS POR ENGENHARIA DE TECIDOS UTILIZANDO UM AMBIENTE DE AVALIAÇÃO DE MECÂNICA RESPIRATÓRIA POR IMAGEM., Descrição: O presente estudo experimental tem por objetivo avaliar as propriedades mecânicas de traqueias in vitro, comparando o comportamento de traqueias normais de ratos versus traqueias descelularizadas e recelularizadas por engenharia tecidual. Para tal, será utilizado uma nova instrumentação composta de ambiente de processamento de imagens e condicionamento/estimulação de tecidos, desenvolvidos recentemente no Laboratório de Engenharia Biomédica-Escola Politécnica-USP. Tal tecnologia é inédita e as análises preliminares da mecânica de traqueias descelularizadas, recelularizadas e normais, demonstram a capacidade do equipamento em executar as medidas de interesse... , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristine Evaristo - Integrante / Paulo Francisco Guerreiro Cardoso - Integrante / Daniele Cristina Cataneo - Integrante / Henrique Takachi Moriya - Integrante.

  • 2013 - Atual

    AVALIAÇÃO DA REOLOGIA DAS CÉLULAS TRAQUEAIS ISOLADAS ATRAVÉS DA CITOMETRIA MAGNÉTICO ÓPTICA DE OSCILAÇÃO (OMTC), Descrição: A confecção de neotraquéia a partir de engenharia tecidual combina processos de descelularização de aloenxertos traqueais com subsequente recelularização do enxerto. A engenharia de tecidos permite que as traquéias descelularizadas possam ser recelularizadas com condrócitos diferenciados a partir de cultura de células-tronco mesenquimais de tecido adiposo e células epiteliais respiratórias (CERs) obtidas do próprio receptor. Apesar da similaridade do epitélio respiratório e da musculatura lisa produzidos por técnicas de engenharia tecidual, pouco se sabe sobre as possíveis alterações do citoesqueleto destas células geradas em cultura, bem como seu impacto nas propriedades mecânicas intrínsicas da traquéia própriamente dita. O objetivo do presente estudo é o de avaliar-se o comportamento da microreologia celular da traquéia in vitro através da OMTC comparando-se células cultivadas à partir de traquéias normais com células utilizadas para a recelularização traqueal... , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristine Evaristo - Integrante / Paulo Francisco Guerreiro Cardoso - Integrante / Adriano Alencar - Integrante.

  • 2012 - Atual

    Estudo Multicêntrico do uso de Biocurativo no tratamento de feridas crônicas, Descrição: O Laboratório de Engenharia Celular, vem desde 2001 mantendo linha de pesquisa na área de curativos bioativos, denominados de Biocurativos. Atualmente, 3 produtos já foram validados em fase clínica I (humanos) sob aprovação do CONEP. Com o objetivo de avaliar a experiência de outros centros brasileiros com o uso dos produtos aqui desenvolvidos, delineou-se este projeto com a participação de 3 diferentes estados brasileiros.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Coltrim, OS - Integrante., Financiador(es): Fundo Nacional de Saúde Ministério da Saúde - Auxílio financeiro.

  • 2010 - 2012

    IMPLANTE DE CÉLULAS-TRONCO MESESENQUIMAIS AUTÓLOGAS ASSOCIADAS AO PRP EM TENDINITES EXPERIMENTAIS EM EQUINOS, Descrição: A tendinite do flexor digital superficial (TFDS) é uma das lesões mais comuns em eqüinos de alto desempenho, acarretando em uma significante morbidade e grande perda econômica na indústria eqüestre. Existem vários tipos de tratamentos descritos na literatura, que têm contribuído de forma significativa para o restabelecimento da morfo-fisiologia do tendão. No entanto há um campo fértil para inovar e melhorar a qualidade da matriz extracelular da estrutura tendínea. Com o advento da biotecnologia, a medicina regenerativa vem evoluindo significativamente e já existem trabalhos promissores no emprego de terapia celular e implante de plasma rico em plaquetas (PRP) na tendinite eqüina. Este trabalho tem como objetivo o implante autólogo de células-tronco mesenquimais (CTM) derivadas do tecido adiposo associada ao PRP em um dos membros torácicos de eqüinos com TFDS, que será induzida pelo emprego da colagenase. Os animais serão avaliados por parâmetros clínicos, exames de ultrassonografia, doppler-sonografia e após as biópsias a serem realizadas no 40o dia para avaliação do homing celular, ou seja, transporte dessas células do membro implantado (tratado) para o membro contralateral (controle); e no 150o dia do experimento, serão verificadas as características histológicas, imunoistoquímicas e avaliação da expressão gênica tendínea. Resumo em Inglês Objetivos 1. Objetivos gerais 1.1 Avaliação da eficácia da associação das células-tronco mesenquimais derivadas do tecido adiposo e o plasma rico em plaquetas na reparação tecidual do tendão. 1.2 Monitoramento das células-tronco autólogas inoculadas (homing celular), através da expressão das CTM marcadas com nanocristal quantum dot (Qtraker 655®). 2. Objetivos específicos 2.1 Caracterização imunofenotípica da superfície das células-tronco mesenquimais utilizando os marcadores CD44, CD90. 2.2 Avaliação do efeito do tratamento frente a parâmetros clínicos do aparelho locomotor eqüino. 2.3 Avaliação do efeito do tratamento f. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2011

    Produção de materiais nanoparticulados para processos baseados em imunocitoquímica, Descrição: PROJETO MULTICENTRICO SOB A COORDENAÇÃO PROF. SIDNEY RIBEIRO: Este projeto tem como meta principal a formação de uma rede internacional multidisciplinar envolvida na formação de mão de obra qualificada na área de nanomateriais com aplicação em medicina (4 doutores, 8 estágios de pós-doutoramento e estágios de estudantes de graduação). Os objetivos intermediários científicos a serem atendidos podem ser definidos como: -preparação de nanopartículas de óxidos de silício, alumínio, polímeros, contendo compostos luminescentes orgânicos e/ou de íons lantanídeos para calibração de citômetros de fluxo; -Validar aumento de vida de prateleira e sustentabilidade do produto sem proteção à luz em comparação com os produtos comerciais; -Isolamento de anticorpos monoclonais (ex. anti-linfócito B, anti-linfocito T, anti-leucócito, anti-mesenquimal) e acoplamento à nanopartículas magnéticas (ex. cobalto) para separação celular por seleção magnética positiva e negativa de populações celulares específicas*; -Desenvolvimento e caracterização de nanopartículas biodegradáveis luminescentes, e nanopartículas contendo quimioterápicos, ambas funcionalizadas por anticorpos monoclonais específicos; -Avaliação da capacidade de internalização de nanopartículas luminescentes funcionalizadas com mAbs anti-linfócitos B; -Estudo dinâmico de morte celular, in vitro, com co-cultivo de linhagem de linfoma B em presença de nanopartículas biodegradáveis funcionalizadas por anticorpos monoclonais anti-linfocitos B e também contendo quimioterápicos; -Realizar o seqüenciamento molecular da região dos clones codificadora das imunoglobulinas de interesse, de modo a se deter a originalidade, característica vinculada à patenteabilidade do produto. * corresponde às atividades a serem desenvolvidas na UNESP-BOTUCATU JUSTIFICATIVA PARA IMPLEMENTAÇÃO DO PROJETO: Este projeto visa a formação de uma rede interdisciplinar envolvendo químicos, físicos, biólogos, engenheiros químicos, biomédicos. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Priscila Murador - Integrante / Flávia Cilene Alves - Integrante / Michele Valério - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.

  • 2009 - 2011

    Proposta de modelo experimental de neotraquéia em coelho utilizando técnicas de engenharia de tecidos, Descrição: Injúrias traqueais são problemas na prática cirúrgica, pois apresentam dificuldades no tratamento. A engenharia tecidual (ET) consiste na regeneração de órgãos, através do recrutamento de tecidos do paciente, dissociados em células que são cultivadas sobre suportes biológicos ou sintéticos, para serem reinseridos no paciente; sendo a única técnica para substituição traqueal que fornece promessa real. A ET já tornou possível a substituição traqueal em paciente que apresentava estenose traqueobrônquica melhorando a qualidade de vida. Assim é possível construir uma neotraquéia com propriedades mecânicas que permitem a fisiologia normal, sem riscos de rejeição, provando que, células autólogas combinadas com biomateriais apropriados podem fornecer soluções funcionais em situações cirúrgicas complexas. O maior desafio é construir por meio de técnicas de ET uma via respiratória funcional que seja uniforme e altamente eficiente na cultura celular na superfície externa e interna da matriz tubular tridimensional, co-cultivando diferentes tipos celulares. Estabelecer um protocolo de modelo experimental de neotraquéia sobre uma estrutura tridimensional autóloga recobrindo-a externamente com o tecido cartilaginoso e internamente com epitélio respiratório é o desafio deste projeto.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado profissional: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Sérgio Felisbino - Integrante / Thaiane Cristina Evaristo - Integrante / Flávia Cilene Alves - Integrante / Raul Ruiz Junior - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2011

    Estudo comparativo de Gel de Plaquetas home made versus Hidrocolóide no processo de cicatrização de úlceras crônicas de etiologia venosa, Descrição: A úlcera de extremidades de membros inferiores representa uma patologia com alta incidência e prevalência afetando de 1 a 3% da população nos países em desenvolvimento. A etiologia vascular é a principal causa com 75 a 90% dos casos. A úlcera venosa dos membros inferiores é um problema comum nos países ocidentais, causando significante impacto socioeconômico. Diversos tipos de curativos têm sido desenvolvidos e estão disponíveis no mercado, sendo o acesso aos mesmos, limitado. Entre os diferentes curativos no mercado aqueles com fatores de crescimento usam mediadores biológicos naturais caracterizados como peptídeos com receptores teciduais. O Hemocentro de Botucatu vem desenvolvendo um hemocomponente de uso tópico a partir de produto excedente da pratica transfusional: plasma fresco congelado e concentrado de plaquetas(CP). As moléculas sinalizadoras (fatores de crescimento) solúveis, presentes no CP são integrantes fundamentais da nova apresentação denominada Gel de Plaquetas ou Biogel. Este produto favorece a migração, a proliferação e a diferenciação celular contribuindo para a modulação da resposta cicatricial. Este trabalho se propõe a aprimorar o gel de plaquetas laminar (Biogel), tendo em vista que a degranulação das plaquetas levam à liberação de inúmeros fatores: do aracdonato, prostaglandina PGE2, tromboxano (TXA), fator de agregação plaquetária (PAF), fator de crescimento derivado de plaquetas (PDGF) e vascular endotelial (VEGF) além daqueles derivados de fibroblastos (FGF), fator epidermal (EGF), e do fator transformador de crescimento β (TGF-β). Além de padronizar a dose-aplicação, esta pesquisa propõe comparar o desempenho do Biogel com o Hidrocolóide existente no mercado.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Aun - Integrante / Mariele Gobo - Integrante.

  • 2007 - 2010

    Avaliação de aspectos fisiológicos e cinéticos chaves do cultivo de hibridomas para produção de imunoglobulinas de uso hemoclassificatório, Descrição: : O objetivo desta pesquisa é avaliar as características fisiologicas e cinéticas de três hibridomas visando o desenvolvimento de um bioprocesso para produção otimizada de três anticorpos monoclonais a serem utilizados na tipagem sanguínea pelo sistema ABO, os quais são atualmente importados pelo sistema de saúde Brasileiro. Os hibridomas serão cultivados em escala de laboratório em duas etapas. Na primeira, os cultivos serão realizados em frascos spinner para conhecer várias características fisiológicas dos hibridomas que permitam identificar parâmetros relativos ao cultivo passíveis de melhora como comosião do meio de cultura, temperatura, pH e oxigenação. Numa segunda etapa, tendo melhorado as condições de cultivo dos hibridomas, serão feitos experimentos em biorreator de aprox. 1L para a obtenção de dados sobre cinética de crescimento e de produção dos anticorpos monoclonais. De posse das informações obtidas nas duas etapas será feito uma análise de engenharia de processo para definir estratégias de operação do biorreator que conduzam a altas produtividades dos anticorpos monoclonais que deverão ser validadas em experimentos de cultivo no mesmo biorreator. Os resultados finais obtidos serão utilizados para o delineamento de um bioprocesso para produção em escala piloto de cada anticorpo monoclonal. Os estudos de aumento de escala (industrial) serão deixados para uma pesquisa posterior, uma vez que os custos para este tipo de estudo são bem maiores. Os resultados da pesquisa são do interesse da Empresa Brasileira de Hemoderivados e Biotecnologia (Hemobras), co-participe desta pesquisa.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Suazo, CAT - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2007 - 2009

    Caracterização de anticorpos monoclonais anti-CD45, Descrição: Este projeto tem como objeto a caracterização e validação de clones anti-CD45 obtidos pelo Laboratório de Engenharia Celular do Hemocentro de Botucatu. A validação realizada tem como objetivo o uso em citometria de fluxo com marcação com isotiocianato de fluoroceína e em imunohistoquímica testando pela tecnologia de Tissue array em colaboração com Departamento de Patologia do HC-FMB/UNESP.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Marjorie de Assis Golim - Integrante / Luciandro Sodré - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 1

  • 2007 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais anti-Taenia Saginata, Descrição: Projeto em parceria com professora Cáris Nunes da UNESP de Araçatuba.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Josy Campanhã Vicentini - Integrante / Caris Maroni - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1

  • 2005 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais de Uso Hemoterápico, Descrição: Trata-se da otimização de clones existentes e da produção de novos clones para uso em hemoterapia. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Especialização: (1) / Mestrado profissional: (3) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Marina de Souza - Integrante / Daniel Bassetto Jesuíno - Integrante / Elaine Navarro - Integrante / Aparecida Vitória G. Souza - Integrante., Financiador(es): Agência Nacional de Vigilância Sanitária - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 8

  • 2005 - 2007

    Construção de Área limpa e Laboratório Classificado NB3 para a produção de anticorpos monoclonais anti-RSV, Descrição: A construção de área limpa classificada 10.000 e de um laboratório de contenção de nivel 3 de segurança - NB3 trata-se de uma proposta cooperada dentro do Genoma Vírus financiado pela Fapesp sob a coordenação da Profa. Dra. Maria Inês de Moura Campos Pardini. O Laboratório de Engenharia celular obteve esta área física contemplada dentro do compromisso do desenvolvimento de anticorpos monoclonais anti proteína F do RSV ( vírus sincicial respiratório) responsável por enfermidades graves em crianças no mundo todo. A proposta é a produção do anticorpo monoclonal a partir da proteína F pruduzida por tecnologia recombinante pelo grupo cooperado do Genoma Vírus.. , Situação: Desativado; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (2) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Maria Inês de Moura Campos Pardini - Coordenador / Andrei Moroz - Integrante / Marina de Oliveira - Integrante / Elaine Navarro - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2005 - 2006

    Desenvolvimento de Insumos estratégicos para acompanhamento de pacientes com AIDS - UNESCO, Descrição: Monoclonal antibodies (mAbs) are identical because they were produced by one type of immune cell. Antigen is injected into mice some of the immune system B-cells will turn into plasma cells and start to produce antibodies. B-cells from mice spleen are removed and fused with myeloma tumor cells (NS1) that grow indefinitely in culture originating hybridomas. These are cloned, so that one obtains a number of different colonies, each producing only one type of antibody. When the clone cells are injected in the peritoneal cavity mice, they produce tumors containing an antibody-rich fluid called ascitic fluid. The purpose of the development of these mAbs is for application to the differential diagnosis of B-cell disorders. Patient Cells with B-cell chronic lymphocytic leukemia were immunophenotyping by flow cytometry (FC) for determination of the immunogens (human lymphocyte B - HLB). Peripheral blood mononuclear cells were isolated from whole blood samples using density gradient centrifugation. Twenty-five BALB/c mice were immunized intraperitoneally with HLB. The spleen was removed, a cell suspension produced was fused using polyethylene glycol with NS1/HLB cells and plated out into HAT-selective growth medium. The cultures were incubated for approximately until significant colony growth was apparent. The hybrids supernatant culture that demonstrated a better performance were collected and tested by FC (screening) for the presence of the appropriate mAbs. Cells from positive wells were single-cell cloned. Screening was repeated for the confirmation of the especificity of mAb, proceeded in vivo expansion for attainment from high-titered solution of mAb - ascitic fluid. The cellular fusion resulted in 1248 hybridomas, of which 22 were positive by FC and subsequently cloned resulting 29 clones. These 29 tested by FC staining 20 were strongly positive, so that the clone cells are injected in 100 mice to produced ascitic fluid.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Marjorie de Assis Golim - Integrante / Renata Bittencourt - Integrante / Marina Oliveira - Integrante., Financiador(es): Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais em Hemoterapia, Descrição: O projeto intitulado Produção e Validação de reagentes monoclonais para uso Hemoterápico foi apresentado a Agência Nacional de Vigilância Sanitásria - ANVISA, recebendo parecer favorável tendo sido efetuado convênio com a Fundação para o Desenvolvimento Médico Hospitalar - FAMESP, conênio 030/2004 para o repasse de recursos financeiros que viabilizarão até meados de 2006 o registro de anticorpos monoclonais produzidos e validados no Brasil. Coordenador do Projeto. Alunos envolvidos: Iniciação científica 2, especialização 1 e mestrado 2.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante / Andrei Moroz - Integrante / Carlos Tognolli - Integrante / Débora Botéquio - Integrante., Financiador(es): Agência Nacional de Vigilância Sanitária - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 7 / Número de orientações: 3

  • 2004 - 2008

    Produção e validação de Anticorpos monoclonais de uso Médico, Descrição: Durante o treinamento de recursos humanos de áreas estratégicas do país (Piauí, Acre) identificamos o grave problema de fornecimento de material diagnóstico em pequena quantidade para áreas distantes, muito quentes, cujo forncedor coloca preço proibitivo para os insumos, obrigando muitas vezes o serviço a usar insumos vencidos. Com objetivo de registrar insumos junto à anvisa, propusemos este projeto, cujos produtos obtidos, validados e registrados serão disponibilizados para as áreas brasileiras com menor recursos financeiro, com intuito de garantir uma transfusão eficaz e segura em qualquer ponto de território brasileiro. O projeto foi submetido ao CNPq tendo sido aprovado. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Rita de Cássia Alvarado - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 34 / Número de orientações: 12

  • 2003 - 2010

    Desenvolvimento de cola de fibrina home made para uso tópico, Descrição: Trata-se da obtenção de cola de fibrina a partir de plasma excedente. Este projeto contém etapas intermediárias, entre elas, a fase devalidação do plasma excedente através das determinações de Fatores V, VIII, IX, XIII, fibrinogênio, fibronectina, PDGF e VEGF. Outra etapa configura-se com a purificação da trombina humana. A terceira etapa é a formação da cola de fibrina home made, considerado hemocomponente de uso tópico. Tal hemocomponentes, oiu biocurativo vem sendo aplicado, com a respectiva autorização do CONEP em seres humanos para a cicatrização de feridas crônicas de etiologia venosa.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado profissional: (4) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Danielle Morais - Integrante / Illymach Canedo Ferreira de Araújo - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante., Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 4

  • 2002 - 2004

    Uso de Biocurativo nas úlceras de pressão, Descrição: Produção de biocurativo: constituição de pasta dermatológica modificada e enriquecida com proteínas humanas concentradas oriundas da preparação de crioprecipitado. Esta pasta foi enriquecida com altas concentrações de fibrinogêncio, fibronectina, vit A, flavonóides, Vit. C, entre outros elementos anti-oxidantes e testados em animais e posteriormente à aprovação do Conep, foi usada para a cicatrização de úlceras de pressão em pacientes cujo tratamento clássico não cicatrizava a lesão. Trata-se de obtenção de cola de fibrina home made, de origem integralmente humana.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Marla Andréia Garcia - Integrante / Gilsara Alves - Integrante., Número de orientações: 1

  • 2001 - Atual

    Estruturação ex-vivo de vasos sanguíneos a partir da diferenciação de células tronco de coelhos, Descrição: A doença arterial obstrutiva periférica está presente em 5% da população e em cerca de 20 a 30% dos casos pode evoluir para amputação do membro inferior acometido, mesmo com os tratamentos hoje existentes. Por isso, justifica-se a busca por novas técnicas para controle da evolução da doença. Pesquisas recentes envolvendo células tronco e engenharia celular apontam para um futuro promissor com base na terapêutica regenerativa e substitutiva de tecidos. A terapia celular é um ramo da medicina regenerativa e consiste em três vertentes terapêuticas: condutiva, a qual se refere ao re-estabelecimento autônomo das células através de estímulo externo; indutiva, em que fatores de crescimento são adicionados à célula para que esta se regenere. As células-tronco perfazem a terceira vertente e são utilizadas na terapia celular para regeneração tecidual. O desafio deste estudo está relacionado a terceira vertente acima mencionada, focalizando o aprimoramento das técnicas de engenharia celular, com a finalidade de produzir um substituto arterial autólogo in vitro, utilizando células tronco mesenquimais (CTM) de tecido adiposo de coelho que serão cultivadas sob um ?scaffold?e/ou biomaterial descelularizado. Em seguida, estas CTM serão diferenciadas em tecido endotelial e tecido muscular liso de forma a mimetizar a parede do vaso sanguíneo. Futuramente, esse modelo poderá vir a ser aplicado em enxertos vasculares (by-pass) que atualmente se faz através do uso da veia safena magna autóloga ou com o uso de próteses sintéticas inorgânicos, as quais podem provocar a rejeição. Dessa forma, espera-se contribuir para o desenvolvimento de novas alternativas para o tratamento dos pacientes portadores de insuficiência arterial.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 1999 - 2002

    Produção de Anticorpos Monoclonais Anti-produto de degradação do fibrinogênio/fibrina humano, Descrição: O processo hemostático para a formação do trombo é iniciado um complexo de substância denomiadas ativadores da protrombina que fará a conversão desta em trombina. Por sua vez, a trombina age sobre a molécula de fibrinogênio convertendo-o em fibrina. As novas técnicas de engenharia celulares avançaram muito nas últimas décadas. Entre os avanços destaca-se a produção de anticorpos monoclonais murinos (AcMm) e humanos segundo Köhler e Milstein(1975). Os hemoderivados obtidos através de AcMm possuem uma qualidade inquestionável quanto à pureza sendo a maioria obtida somente no mercado internacional. A obtenção de AcMm contra o produto de degradação fibrinogênio/fibrina humano terá sua utilização nas rotinas laboratoriais contribuindo para o diagnóstico de inúmeras patologias. Camundongos Balb/c foram imunizados com: crioprecipitado ( protocolo ROSOB), fibrinogênio purificado pelo método de Kazal e cols. modificado ( protocolo CRIS), fibrinogênio comercial ( protocolo FIB), fragmento D comercial ( protocolo DIM). As células esplênicas do animal imunizado foram fusionadas com células mielomatosas NS1-1 e os híbridos foram selecionados levando em consideração os apectos genéticos HGPRT negativos do mieloma e positivo das células híbridas. Os anticorpos obtidos foram testados pela técnica ELISA, dot blot, testes de inibição e caractereizados por imunoblotting, sendo que o peso molecular da proteína que cada anticorpo reconhecia foi determinado após análise por imagem comparativa (VDS)-Amersham Pharmacia Biotech. As classes e sub-classes de imunoglobulinas foram determinadas pelo método de imunodifusão radial e confirmadas por citometria de fluxo.A monoclonalidade foi estabelecida pela eletroforese em gel de agarose. Os anticorpos obtidos reconhecem produtos de degradação do fibrionogênio: anti-produto de degradação do fagmento Y ( anticorpo reconhecendo proteínas de PM 50.700 e 40.300 daltos) e anti- fragmento D ( anticorpo reconhecendo proteína de PM= 32.400 dalton.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Cristiane Aparecida Ferino - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 1996 - 2001

    Produção de Anticorpos Monoclonais anti-Fator VIII da coagulação, expansão clonal e domínio da tecnologia de produção em larga escala, Descrição: CONTROLE DE QUALIDADE DE HEMODERIVADOS: QUALIDADE DE VIDA DO HEMOFÍLICO. Deffune, Elenice, Ferreira-Rossi, Rosana, Guimarães, Fátima Regina e Machado, Paulo Eduardo de Abreu. Hemocentro de Botucatu-Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina-UNESP. O desenvolvimento de talentos na área da saúde para o atendimento universal, multiprofissional e de qualidade para os hemofílicos é um dos desafios das últimas décadas.Envolvidos em processos dolorosos mundiais, fruto de utilização de produtos lábeis ou hemoderivados de padrão questionáveis, os hemofílicos foram assolados pelo HIV. O esforço biotecnológico mundial trouxe excelentes resultados obtendo produtos cada vez mais puros, específicos e viro-inativados. No entanto, estes produtos distribuídos no mundo todo, nem sempre tem seu transporte com a cadeia de frios que necessitam e podem ser alterados, prejudicados e mesmo ter total ineficácia terapêutica. Preocupados com a falta de controle pós-compra elaboramos um projeto de produção de anticorpos monoclonais murinos (AcMm) dirigidos contra fator VIII da coagulação com o intuito de obter uma ferramenta tecnológica para controle e validação dos produtos, antes da liberação para uso terapêutico em cada serviço. Os AcMm foram obtidos após a imunização de um grupo de camundongos, por via intraperitoneal, com FVIII natura cuja fonte foi crioprecipitado com intervalo de 21 dias entre as injeções. Após 45 dias retiramos o baço dos animais, recuperamos as células esplênicas e fusionamos as mesmas com células de mieloma murino segundo o método descrito por Köhler & Milstein (1975). Após o processo de fusão, os hibridomas foram distribuídos em placas de cultura e os híbridos viáveis foram retidos e testados quanto à sua especificidade. Os híbridos considerados de alta reatividade foram clonados e estabilizados durante os 4 primeiros meses de cultura, depois expandidos in vitro (cultura) e in vivo.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante., Financiador(es): Financiadora de Estudos e Projetos - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 2

  • 1996 - 1998

    Estudo dos Antígenos Leucocitários Suínos e Tolerização objetivando Xanotransplante., Descrição: A crescente demanda de órgãos para transplantes versus a também crescente dificuldade em obter órgãos para os referidos transplantes tem aumentado a fila de espera, o que tem determinado, só no estado de São Paulo, um grande número de óbitos. Para contribuir com o avanço tecnológico e produzir marcadores que propiciarão no futuro o monitoramento de prováveis órgãos oriundos de animais preparados para transplantes de órgãos, estabelecemos protocolos de obtenção e caracterização de anticorpos monoclonais murinos dirigidos contra antígenos eritrocitários de suínos Large White.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Alexandre Krause - Integrante / Ana Paula Ehrandt Oliveira - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1

  • 1994 - 1998

    Produção de Anticorpos monoclonais dirigidos contra antígenos eritrocitários humanos, Descrição: Utilizando o avanço tecnológico da engenharia celular, implantamos no hemocentro de Botucatu o laboratório de produção de Anticorpos Monoclonais com objetivo claro de produzir insumos para a bancada da hemoterapia. Este objetivo era calcado na c]necessidade do serviço utilizar insumos de origem biotecnológico, mais seguros, mais precisos, porem de alto custo. Tendo em vista o término do contrato com a Universidade, este projeto teve continuidade com a contratação da pesquisadora, pelas regras CLT, para não haver descontinuidade do mesmo. Vários sub-produtos deste projeto inicial dão margem hoje à outras teses de mestrado e doutorado.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (4) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Tânia Rosalem - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 10 / Número de orientações: 6

  • 1994 - 1998

    Expansão clonal de anti-A, anti-B e anti-AB para uso em bancada, Descrição: Após a implantação do Laboratório de produção de anticorpos Monoclonais murinos a Divisão Hemocentro inciou uma nova fase de produção de insumos por biotecnologia. Os anticorpos anti-A, anti-B e anti-AB para a tipagem sangüínea rotineira foi validado por testes em paralelo com duas diferentes fontes comerciais de reagentes, obtendo desempenho superior numa amostragem de mais de 100.000 tipagens sangüíneas. Uma vez validados, entrou-se na fase de expansão clonal e produção de lotes de reagentes para uso interno em bancada, sem comercilização. Desta forma, isentos de registro no Ministério da Saúde.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Fátima Regina Guimarães - Integrante / Tania Rosalem - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 5

  • 1993 - 1994

    Obtenção, Caracterização e Validação de anticorpos monoclonais anti-A, anti-B e anti-AB, Descrição: Em 1992, com a implantação do laboratório de produção de anticorpos monoclonais, a linha mestra de pesquisa ficou estabelecida como sendo a produção de anticorpos monoclonais dirigidos contra antígenos eritrocitários humanos que viessem após a padronização, validação e registro, substituir os reagentes de bancada vigentes naquela época no país, na sua maior parte, de origem policlonal. A origem mencionada dos anticorpos largamente comercializados no país, é humana, o que confrontava e confronta com a constituição federal que proíbe comercialização dos sangue e de seus derivados. Com intuito de obter anticorpos melhores para uso em bancada, respeitar a constituição brasileira e por questões de biossegurança, melhorar a qualidade de vida dos trabalhadores dos laboratórios de imunohematologia, os três mais usados anticorpos de uso imunohematolõgico foram produzidos.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 3

  • 1992 - 1993

    Implantação da Tecnologia de Produção de Anticorpos Monoclonais, Descrição: Depois de mestrado e doutorado na área de biotecnologia aplicada à transfusão, com teses realizadas no Institut National de Transfusion Sanguine de Paris/ Université Pierre et Marie Curie/Paris VI/França, o desafio foi a implantação do laboratório de engenharia celular voltado à produção de anticorpos monoclonais murinos para uso em bancada com fins hemoterápicos. Em meados de abri/maio de 1992 começou a tramitação na universidade para que pudesse me submeter ao concurso para a vaga de pesquisadora. Tão logo isto foi possível, com o despacho do reitor publicado 27/5/1992, processo 1011-92-FM-Bo, dei início à implantação dom referido laboratório. Inicialmente realizei uma auditoria para analisar as práticas laboratoriais e as condições de biossegurança e técnicas. Esta auditoria levou à implantação do grupo, que posteriormente se tornou Comitê de Biossegurança, Qualidade e Bioética, para a padronização dos procedimentos e adequação dentro de padrões interncaionais de qualidade. A grande dificuldade incial foi a aquisição de nitrogênio líquido para a manutenção dos clones a serem produzidos. Em dezembro de 1992 consegui obter o primeiro sucesso em cultura celular, após vários problemas, todos ligados às deficiêcnias de infra-estrutura e treinamentoi de equipe. O investimento inicial para equipar o laboratório vieram fundamentalmente da Secretaria Estadual de Saúde e FINEP.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (4) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Tânia Rosalem - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2017 - Atual

    Lisado de hemácias humanas: análise da estabilidade dos diferentes antígenos, Descrição: A transfusão de sangue tem uma série de análises imunológicas obrigatórias, entre elas a tipagem sanguínea, prova de compatibilidade e pesquisa de anticorpos irregulares. Este último exame utiliza-se de um mini painel de hemácias fenotipadas para a identificação de prováveis alo-anticorpos presentes no soro do paciente que será transfundido. Esta análise demora em média de 30 a 45 minutos e é de leitura subjetiva ( observador dependente). Neste projeto avaliar-se-ão técnicas de produção de lisado membranário para a composição de imunossensores que reduzam o tempo de análise ao máximo 5 minutos e torne a leitura objetiva ( por software) e interfaceável de forma digital com os sistemas de prontuários eletrônicos. Com isto, espera-se diminuir o tempo de preparo da transfusão de sangue, a sensibilidade do teste, a rastreabilidade do mesmo, e minimizar o erro de transcrição de resultados.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (0) Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thays Neto - Integrante / Ivana Cesarino - Integrante / Ligia Mayumi Abe - Integrante / Martin Leme - Integrante.

  • 2014 - 2017

    NEOFORMAÇÃO ÓSSEA: RETALHO DE GÁLEA E PERIÓSTEO PREENCHIDO COM CÉLULAS TRONCO MESENQUIMAIS. ESTUDO EM COELHO., Descrição: Trata-se do trabalho de doutorado da aluna Ryane Schmidt Brock, orientada do Prof. Fausto Viterbo, sendo que a parte da dissociação, expansão e caracterização das CTM de tecido adiposo são feitas em colaboração com o Laboratório de Engenharia Celular.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (0) Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Fausto Viterbo - Coordenador / Ryane Schmidt Brock - Integrante / Camila Juliane Sena Maleski - Integrante.

  • 2013 - Atual

    TRANSPLANTE TRAQUEAL EM RATOS UTILIZANDO TÉCNICAS DE RECONSTITUIÇÃO DE VIA AÉREA HOMÓLOGA COM CÉLULAS AUTÓLOGAS POR ENGENHARIA TECIDUAL, Descrição: A utilização de matriz extracelular como suporte biológico possui a vantagem e poder ser recelularizada com células do receptor. A recelularização do suporte biológico (matriz extracelular) é realizada por células autólogas cultivadas (epitélio respiratório) e condrócitos. Fundamentados na hipótese de que a reconstituição da via aérea homóloga com células autólogas utilizando-se técnica de engenharia tecidual é exequível, desenhamos um estudo experimental como objetivo de avaliar a viabilidade dos enxertos traqueais descelularizados e recelularizados em um modelo experimental de transplante traqueal em ratos.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristina Evaristo - Integrante / Paulo Francisco Guerreiro Cardoso - Integrante / Paulo Manoel Pego Fernandes - Integrante / Rogério Pazzetti - Integrante / Daniele Cristina Cataneo - Integrante.

  • 2013 - Atual

    AVALIAÇÃO DA REOLOGIA DAS CÉLULAS TRAQUEAIS ISOLADAS ATRAVÉS DA CITOMETRIA MAGNÉTICO ÓPTICA DE OSCILAÇÃO (OMTC), Descrição: A confecção de neotraquéia a partir de engenharia tecidual combina processos de descelularização de aloenxertos traqueais com subsequente recelularização do enxerto. A engenharia de tecidos permite que as traquéias descelularizadas possam ser recelularizadas com condrócitos diferenciados a partir de cultura de células-tronco mesenquimais de tecido adiposo e células epiteliais respiratórias (CERs) obtidas do próprio receptor. Apesar da similaridade do epitélio respiratório e da musculatura lisa produzidos por técnicas de engenharia tecidual, pouco se sabe sobre as possíveis alterações do citoesqueleto destas células geradas em cultura, bem como seu impacto nas propriedades mecânicas intrínsicas da traquéia própriamente dita. O objetivo do presente estudo é o de avaliar-se o comportamento da microreologia celular da traquéia in vitro através da OMTC comparando-se células cultivadas à partir de traquéias normais com células utilizadas para a recelularização traqueal... , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristine Evaristo - Integrante / Paulo Francisco Guerreiro Cardoso - Integrante / Adriano Alencar - Integrante.

  • 2013 - Atual

    ESTUDO DAS PROPRIEDADES VISCOELÁSTICAS DE TRAQUEIAS RECONSTRUÍDAS POR ENGENHARIA DE TECIDOS UTILIZANDO UM AMBIENTE DE AVALIAÇÃO DE MECÂNICA RESPIRATÓRIA POR IMAGEM., Descrição: O presente estudo experimental tem por objetivo avaliar as propriedades mecânicas de traqueias in vitro, comparando o comportamento de traqueias normais de ratos versus traqueias descelularizadas e recelularizadas por engenharia tecidual. Para tal, será utilizado uma nova instrumentação composta de ambiente de processamento de imagens e condicionamento/estimulação de tecidos, desenvolvidos recentemente no Laboratório de Engenharia Biomédica-Escola Politécnica-USP. Tal tecnologia é inédita e as análises preliminares da mecânica de traqueias descelularizadas, recelularizadas e normais, demonstram a capacidade do equipamento em executar as medidas de interesse... , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristine Evaristo - Integrante / Paulo Francisco Guerreiro Cardoso - Integrante / Daniele Cristina Cataneo - Integrante / Henrique Takachi Moriya - Integrante.

  • 2012 - Atual

    Estudo Multicêntrico do uso de Biocurativo no tratamento de feridas crônicas, Descrição: O Laboratório de Engenharia Celular, vem desde 2001 mantendo linha de pesquisa na área de curativos bioativos, denominados de Biocurativos. Atualmente, 3 produtos já foram validados em fase clínica I (humanos) sob aprovação do CONEP. Com o objetivo de avaliar a experiência de outros centros brasileiros com o uso dos produtos aqui desenvolvidos, delineou-se este projeto com a participação de 3 diferentes estados brasileiros.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Coltrim, OS - Integrante., Financiador(es): Fundo Nacional de Saúde Ministério da Saúde - Auxílio financeiro.

  • 2010 - 2012

    IMPLANTE DE CÉLULAS-TRONCO MESESENQUIMAIS AUTÓLOGAS ASSOCIADAS AO PRP EM TENDINITES EXPERIMENTAIS EM EQUINOS, Descrição: A tendinite do flexor digital superficial (TFDS) é uma das lesões mais comuns em eqüinos de alto desempenho, acarretando em uma significante morbidade e grande perda econômica na indústria eqüestre. Existem vários tipos de tratamentos descritos na literatura, que têm contribuído de forma significativa para o restabelecimento da morfo-fisiologia do tendão. No entanto há um campo fértil para inovar e melhorar a qualidade da matriz extracelular da estrutura tendínea. Com o advento da biotecnologia, a medicina regenerativa vem evoluindo significativamente e já existem trabalhos promissores no emprego de terapia celular e implante de plasma rico em plaquetas (PRP) na tendinite eqüina. Este trabalho tem como objetivo o implante autólogo de células-tronco mesenquimais (CTM) derivadas do tecido adiposo associada ao PRP em um dos membros torácicos de eqüinos com TFDS, que será induzida pelo emprego da colagenase. Os animais serão avaliados por parâmetros clínicos, exames de ultrassonografia, doppler-sonografia e após as biópsias a serem realizadas no 40o dia para avaliação do homing celular, ou seja, transporte dessas células do membro implantado (tratado) para o membro contralateral (controle); e no 150o dia do experimento, serão verificadas as características histológicas, imunoistoquímicas e avaliação da expressão gênica tendínea. Resumo em Inglês Objetivos 1. Objetivos gerais 1.1 Avaliação da eficácia da associação das células-tronco mesenquimais derivadas do tecido adiposo e o plasma rico em plaquetas na reparação tecidual do tendão. 1.2 Monitoramento das células-tronco autólogas inoculadas (homing celular), através da expressão das CTM marcadas com nanocristal quantum dot (Qtraker 655®). 2. Objetivos específicos 2.1 Caracterização imunofenotípica da superfície das células-tronco mesenquimais utilizando os marcadores CD44, CD90. 2.2 Avaliação do efeito do tratamento frente a parâmetros clínicos do aparelho locomotor eqüino. 2.3 Avaliação do efeito do tratamento f. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2011

    Produção de materiais nanoparticulados para processos baseados em imunocitoquímica, Descrição: PROJETO MULTICENTRICO SOB A COORDENAÇÃO PROF. SIDNEY RIBEIRO: Este projeto tem como meta principal a formação de uma rede internacional multidisciplinar envolvida na formação de mão de obra qualificada na área de nanomateriais com aplicação em medicina (4 doutores, 8 estágios de pós-doutoramento e estágios de estudantes de graduação). Os objetivos intermediários científicos a serem atendidos podem ser definidos como: -preparação de nanopartículas de óxidos de silício, alumínio, polímeros, contendo compostos luminescentes orgânicos e/ou de íons lantanídeos para calibração de citômetros de fluxo; -Validar aumento de vida de prateleira e sustentabilidade do produto sem proteção à luz em comparação com os produtos comerciais; -Isolamento de anticorpos monoclonais (ex. anti-linfócito B, anti-linfocito T, anti-leucócito, anti-mesenquimal) e acoplamento à nanopartículas magnéticas (ex. cobalto) para separação celular por seleção magnética positiva e negativa de populações celulares específicas*; -Desenvolvimento e caracterização de nanopartículas biodegradáveis luminescentes, e nanopartículas contendo quimioterápicos, ambas funcionalizadas por anticorpos monoclonais específicos; -Avaliação da capacidade de internalização de nanopartículas luminescentes funcionalizadas com mAbs anti-linfócitos B; -Estudo dinâmico de morte celular, in vitro, com co-cultivo de linhagem de linfoma B em presença de nanopartículas biodegradáveis funcionalizadas por anticorpos monoclonais anti-linfocitos B e também contendo quimioterápicos; -Realizar o seqüenciamento molecular da região dos clones codificadora das imunoglobulinas de interesse, de modo a se deter a originalidade, característica vinculada à patenteabilidade do produto. * corresponde às atividades a serem desenvolvidas na UNESP-BOTUCATU JUSTIFICATIVA PARA IMPLEMENTAÇÃO DO PROJETO: Este projeto visa a formação de uma rede interdisciplinar envolvendo químicos, físicos, biólogos, engenheiros químicos, biomédicos. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Priscila Murador - Integrante / Flávia Cilene Alves - Integrante / Michele Valério - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.

  • 2009 - 2011

    Proposta de modelo experimental de neotraquéia em coelho utilizando técnicas de engenharia de tecidos, Descrição: Injúrias traqueais são problemas na prática cirúrgica, pois apresentam dificuldades no tratamento. A engenharia tecidual (ET) consiste na regeneração de órgãos, através do recrutamento de tecidos do paciente, dissociados em células que são cultivadas sobre suportes biológicos ou sintéticos, para serem reinseridos no paciente; sendo a única técnica para substituição traqueal que fornece promessa real. A ET já tornou possível a substituição traqueal em paciente que apresentava estenose traqueobrônquica melhorando a qualidade de vida. Assim é possível construir uma neotraquéia com propriedades mecânicas que permitem a fisiologia normal, sem riscos de rejeição, provando que, células autólogas combinadas com biomateriais apropriados podem fornecer soluções funcionais em situações cirúrgicas complexas. O maior desafio é construir por meio de técnicas de ET uma via respiratória funcional que seja uniforme e altamente eficiente na cultura celular na superfície externa e interna da matriz tubular tridimensional, co-cultivando diferentes tipos celulares. Estabelecer um protocolo de modelo experimental de neotraquéia sobre uma estrutura tridimensional autóloga recobrindo-a externamente com o tecido cartilaginoso e internamente com epitélio respiratório é o desafio deste projeto.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado profissional: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Sérgio Felisbino - Integrante / Thaiane Cristina Evaristo - Integrante / Flávia Cilene Alves - Integrante / Raul Ruiz Junior - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2011

    Estudo comparativo de Gel de Plaquetas home made versus Hidrocolóide no processo de cicatrização de úlceras crônicas de etiologia venosa, Descrição: A úlcera de extremidades de membros inferiores representa uma patologia com alta incidência e prevalência afetando de 1 a 3% da população nos países em desenvolvimento. A etiologia vascular é a principal causa com 75 a 90% dos casos. A úlcera venosa dos membros inferiores é um problema comum nos países ocidentais, causando significante impacto socioeconômico. Diversos tipos de curativos têm sido desenvolvidos e estão disponíveis no mercado, sendo o acesso aos mesmos, limitado. Entre os diferentes curativos no mercado aqueles com fatores de crescimento usam mediadores biológicos naturais caracterizados como peptídeos com receptores teciduais. O Hemocentro de Botucatu vem desenvolvendo um hemocomponente de uso tópico a partir de produto excedente da pratica transfusional: plasma fresco congelado e concentrado de plaquetas(CP). As moléculas sinalizadoras (fatores de crescimento) solúveis, presentes no CP são integrantes fundamentais da nova apresentação denominada Gel de Plaquetas ou Biogel. Este produto favorece a migração, a proliferação e a diferenciação celular contribuindo para a modulação da resposta cicatricial. Este trabalho se propõe a aprimorar o gel de plaquetas laminar (Biogel), tendo em vista que a degranulação das plaquetas levam à liberação de inúmeros fatores: do aracdonato, prostaglandina PGE2, tromboxano (TXA), fator de agregação plaquetária (PAF), fator de crescimento derivado de plaquetas (PDGF) e vascular endotelial (VEGF) além daqueles derivados de fibroblastos (FGF), fator epidermal (EGF), e do fator transformador de crescimento β (TGF-β). Além de padronizar a dose-aplicação, esta pesquisa propõe comparar o desempenho do Biogel com o Hidrocolóide existente no mercado.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Aun - Integrante / Mariele Gobo - Integrante.

  • 2007 - 2010

    Avaliação de aspectos fisiológicos e cinéticos chaves do cultivo de hibridomas para produção de imunoglobulinas de uso hemoclassificatório, Descrição: : O objetivo desta pesquisa é avaliar as características fisiologicas e cinéticas de três hibridomas visando o desenvolvimento de um bioprocesso para produção otimizada de três anticorpos monoclonais a serem utilizados na tipagem sanguínea pelo sistema ABO, os quais são atualmente importados pelo sistema de saúde Brasileiro. Os hibridomas serão cultivados em escala de laboratório em duas etapas. Na primeira, os cultivos serão realizados em frascos spinner para conhecer várias características fisiológicas dos hibridomas que permitam identificar parâmetros relativos ao cultivo passíveis de melhora como comosião do meio de cultura, temperatura, pH e oxigenação. Numa segunda etapa, tendo melhorado as condições de cultivo dos hibridomas, serão feitos experimentos em biorreator de aprox. 1L para a obtenção de dados sobre cinética de crescimento e de produção dos anticorpos monoclonais. De posse das informações obtidas nas duas etapas será feito uma análise de engenharia de processo para definir estratégias de operação do biorreator que conduzam a altas produtividades dos anticorpos monoclonais que deverão ser validadas em experimentos de cultivo no mesmo biorreator. Os resultados finais obtidos serão utilizados para o delineamento de um bioprocesso para produção em escala piloto de cada anticorpo monoclonal. Os estudos de aumento de escala (industrial) serão deixados para uma pesquisa posterior, uma vez que os custos para este tipo de estudo são bem maiores. Os resultados da pesquisa são do interesse da Empresa Brasileira de Hemoderivados e Biotecnologia (Hemobras), co-participe desta pesquisa.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Suazo, CAT - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2007 - 2009

    Caracterização de anticorpos monoclonais anti-CD45, Descrição: Este projeto tem como objeto a caracterização e validação de clones anti-CD45 obtidos pelo Laboratório de Engenharia Celular do Hemocentro de Botucatu. A validação realizada tem como objetivo o uso em citometria de fluxo com marcação com isotiocianato de fluoroceína e em imunohistoquímica testando pela tecnologia de Tissue array em colaboração com Departamento de Patologia do HC-FMB/UNESP.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Marjorie de Assis Golim - Integrante / Luciandro Sodré - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 1

  • 2007 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais anti-Taenia Saginata, Descrição: Projeto em parceria com professora Cáris Nunes da UNESP de Araçatuba.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Josy Campanhã Vicentini - Integrante / Caris Maroni - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1

  • 2005 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais de Uso Hemoterápico, Descrição: Trata-se da otimização de clones existentes e da produção de novos clones para uso em hemoterapia. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Especialização: (1) / Mestrado profissional: (3) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Marina de Souza - Integrante / Daniel Bassetto Jesuíno - Integrante / Elaine Navarro - Integrante / Aparecida Vitória G. Souza - Integrante., Financiador(es): Agência Nacional de Vigilância Sanitária - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 8

  • 2005 - 2007

    Construção de Área limpa e Laboratório Classificado NB3 para a produção de anticorpos monoclonais anti-RSV, Descrição: A construção de área limpa classificada 10.000 e de um laboratório de contenção de nivel 3 de segurança - NB3 trata-se de uma proposta cooperada dentro do Genoma Vírus financiado pela Fapesp sob a coordenação da Profa. Dra. Maria Inês de Moura Campos Pardini. O Laboratório de Engenharia celular obteve esta área física contemplada dentro do compromisso do desenvolvimento de anticorpos monoclonais anti proteína F do RSV ( vírus sincicial respiratório) responsável por enfermidades graves em crianças no mundo todo. A proposta é a produção do anticorpo monoclonal a partir da proteína F pruduzida por tecnologia recombinante pelo grupo cooperado do Genoma Vírus.. , Situação: Desativado; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (2) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Maria Inês de Moura Campos Pardini - Coordenador / Andrei Moroz - Integrante / Marina de Oliveira - Integrante / Elaine Navarro - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2005 - 2006

    Desenvolvimento de Insumos estratégicos para acompanhamento de pacientes com AIDS - UNESCO, Descrição: Monoclonal antibodies (mAbs) are identical because they were produced by one type of immune cell. Antigen is injected into mice some of the immune system B-cells will turn into plasma cells and start to produce antibodies. B-cells from mice spleen are removed and fused with myeloma tumor cells (NS1) that grow indefinitely in culture originating hybridomas. These are cloned, so that one obtains a number of different colonies, each producing only one type of antibody. When the clone cells are injected in the peritoneal cavity mice, they produce tumors containing an antibody-rich fluid called ascitic fluid. The purpose of the development of these mAbs is for application to the differential diagnosis of B-cell disorders. Patient Cells with B-cell chronic lymphocytic leukemia were immunophenotyping by flow cytometry (FC) for determination of the immunogens (human lymphocyte B - HLB). Peripheral blood mononuclear cells were isolated from whole blood samples using density gradient centrifugation. Twenty-five BALB/c mice were immunized intraperitoneally with HLB. The spleen was removed, a cell suspension produced was fused using polyethylene glycol with NS1/HLB cells and plated out into HAT-selective growth medium. The cultures were incubated for approximately until significant colony growth was apparent. The hybrids supernatant culture that demonstrated a better performance were collected and tested by FC (screening) for the presence of the appropriate mAbs. Cells from positive wells were single-cell cloned. Screening was repeated for the confirmation of the especificity of mAb, proceeded in vivo expansion for attainment from high-titered solution of mAb - ascitic fluid. The cellular fusion resulted in 1248 hybridomas, of which 22 were positive by FC and subsequently cloned resulting 29 clones. These 29 tested by FC staining 20 were strongly positive, so that the clone cells are injected in 100 mice to produced ascitic fluid.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Marjorie de Assis Golim - Integrante / Renata Bittencourt - Integrante / Marina Oliveira - Integrante., Financiador(es): Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais em Hemoterapia, Descrição: O projeto intitulado Produção e Validação de reagentes monoclonais para uso Hemoterápico foi apresentado a Agência Nacional de Vigilância Sanitásria - ANVISA, recebendo parecer favorável tendo sido efetuado convênio com a Fundação para o Desenvolvimento Médico Hospitalar - FAMESP, conênio 030/2004 para o repasse de recursos financeiros que viabilizarão até meados de 2006 o registro de anticorpos monoclonais produzidos e validados no Brasil. Coordenador do Projeto. Alunos envolvidos: Iniciação científica 2, especialização 1 e mestrado 2.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante / Andrei Moroz - Integrante / Carlos Tognolli - Integrante / Débora Botéquio - Integrante., Financiador(es): Agência Nacional de Vigilância Sanitária - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 7 / Número de orientações: 3

  • 2004 - 2008

    Produção e validação de Anticorpos monoclonais de uso Médico, Descrição: Durante o treinamento de recursos humanos de áreas estratégicas do país (Piauí, Acre) identificamos o grave problema de fornecimento de material diagnóstico em pequena quantidade para áreas distantes, muito quentes, cujo forncedor coloca preço proibitivo para os insumos, obrigando muitas vezes o serviço a usar insumos vencidos. Com objetivo de registrar insumos junto à anvisa, propusemos este projeto, cujos produtos obtidos, validados e registrados serão disponibilizados para as áreas brasileiras com menor recursos financeiro, com intuito de garantir uma transfusão eficaz e segura em qualquer ponto de território brasileiro. O projeto foi submetido ao CNPq tendo sido aprovado. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Rita de Cássia Alvarado - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 34 / Número de orientações: 12

  • 2003 - 2010

    Desenvolvimento de cola de fibrina home made para uso tópico, Descrição: Trata-se da obtenção de cola de fibrina a partir de plasma excedente. Este projeto contém etapas intermediárias, entre elas, a fase devalidação do plasma excedente através das determinações de Fatores V, VIII, IX, XIII, fibrinogênio, fibronectina, PDGF e VEGF. Outra etapa configura-se com a purificação da trombina humana. A terceira etapa é a formação da cola de fibrina home made, considerado hemocomponente de uso tópico. Tal hemocomponentes, oiu biocurativo vem sendo aplicado, com a respectiva autorização do CONEP em seres humanos para a cicatrização de feridas crônicas de etiologia venosa.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado profissional: (4) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Danielle Morais - Integrante / Illymach Canedo Ferreira de Araújo - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante., Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 4

  • 2002 - 2004

    Uso de Biocurativo nas úlceras de pressão, Descrição: Produção de biocurativo: constituição de pasta dermatológica modificada e enriquecida com proteínas humanas concentradas oriundas da preparação de crioprecipitado. Esta pasta foi enriquecida com altas concentrações de fibrinogêncio, fibronectina, vit A, flavonóides, Vit. C, entre outros elementos anti-oxidantes e testados em animais e posteriormente à aprovação do Conep, foi usada para a cicatrização de úlceras de pressão em pacientes cujo tratamento clássico não cicatrizava a lesão. Trata-se de obtenção de cola de fibrina home made, de origem integralmente humana.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Marla Andréia Garcia - Integrante / Gilsara Alves - Integrante., Número de orientações: 1

  • 2001 - Atual

    Estruturação ex-vivo de vasos sanguíneos a partir da diferenciação de células tronco de coelhos, Descrição: A doença arterial obstrutiva periférica está presente em 5% da população e em cerca de 20 a 30% dos casos pode evoluir para amputação do membro inferior acometido, mesmo com os tratamentos hoje existentes. Por isso, justifica-se a busca por novas técnicas para controle da evolução da doença. Pesquisas recentes envolvendo células tronco e engenharia celular apontam para um futuro promissor com base na terapêutica regenerativa e substitutiva de tecidos. A terapia celular é um ramo da medicina regenerativa e consiste em três vertentes terapêuticas: condutiva, a qual se refere ao re-estabelecimento autônomo das células através de estímulo externo; indutiva, em que fatores de crescimento são adicionados à célula para que esta se regenere. As células-tronco perfazem a terceira vertente e são utilizadas na terapia celular para regeneração tecidual. O desafio deste estudo está relacionado a terceira vertente acima mencionada, focalizando o aprimoramento das técnicas de engenharia celular, com a finalidade de produzir um substituto arterial autólogo in vitro, utilizando células tronco mesenquimais (CTM) de tecido adiposo de coelho que serão cultivadas sob um ?scaffold?e/ou biomaterial descelularizado. Em seguida, estas CTM serão diferenciadas em tecido endotelial e tecido muscular liso de forma a mimetizar a parede do vaso sanguíneo. Futuramente, esse modelo poderá vir a ser aplicado em enxertos vasculares (by-pass) que atualmente se faz através do uso da veia safena magna autóloga ou com o uso de próteses sintéticas inorgânicos, as quais podem provocar a rejeição. Dessa forma, espera-se contribuir para o desenvolvimento de novas alternativas para o tratamento dos pacientes portadores de insuficiência arterial.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 1999 - 2002

    Produção de Anticorpos Monoclonais Anti-produto de degradação do fibrinogênio/fibrina humano, Descrição: O processo hemostático para a formação do trombo é iniciado um complexo de substância denomiadas ativadores da protrombina que fará a conversão desta em trombina. Por sua vez, a trombina age sobre a molécula de fibrinogênio convertendo-o em fibrina. As novas técnicas de engenharia celulares avançaram muito nas últimas décadas. Entre os avanços destaca-se a produção de anticorpos monoclonais murinos (AcMm) e humanos segundo Köhler e Milstein(1975). Os hemoderivados obtidos através de AcMm possuem uma qualidade inquestionável quanto à pureza sendo a maioria obtida somente no mercado internacional. A obtenção de AcMm contra o produto de degradação fibrinogênio/fibrina humano terá sua utilização nas rotinas laboratoriais contribuindo para o diagnóstico de inúmeras patologias. Camundongos Balb/c foram imunizados com: crioprecipitado ( protocolo ROSOB), fibrinogênio purificado pelo método de Kazal e cols. modificado ( protocolo CRIS), fibrinogênio comercial ( protocolo FIB), fragmento D comercial ( protocolo DIM). As células esplênicas do animal imunizado foram fusionadas com células mielomatosas NS1-1 e os híbridos foram selecionados levando em consideração os apectos genéticos HGPRT negativos do mieloma e positivo das células híbridas. Os anticorpos obtidos foram testados pela técnica ELISA, dot blot, testes de inibição e caractereizados por imunoblotting, sendo que o peso molecular da proteína que cada anticorpo reconhecia foi determinado após análise por imagem comparativa (VDS)-Amersham Pharmacia Biotech. As classes e sub-classes de imunoglobulinas foram determinadas pelo método de imunodifusão radial e confirmadas por citometria de fluxo.A monoclonalidade foi estabelecida pela eletroforese em gel de agarose. Os anticorpos obtidos reconhecem produtos de degradação do fibrionogênio: anti-produto de degradação do fagmento Y ( anticorpo reconhecendo proteínas de PM 50.700 e 40.300 daltos) e anti- fragmento D ( anticorpo reconhecendo proteína de PM= 32.400 dalton.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Cristiane Aparecida Ferino - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 1996 - 2001

    Produção de Anticorpos Monoclonais anti-Fator VIII da coagulação, expansão clonal e domínio da tecnologia de produção em larga escala, Descrição: CONTROLE DE QUALIDADE DE HEMODERIVADOS: QUALIDADE DE VIDA DO HEMOFÍLICO. Deffune, Elenice, Ferreira-Rossi, Rosana, Guimarães, Fátima Regina e Machado, Paulo Eduardo de Abreu. Hemocentro de Botucatu-Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina-UNESP. O desenvolvimento de talentos na área da saúde para o atendimento universal, multiprofissional e de qualidade para os hemofílicos é um dos desafios das últimas décadas.Envolvidos em processos dolorosos mundiais, fruto de utilização de produtos lábeis ou hemoderivados de padrão questionáveis, os hemofílicos foram assolados pelo HIV. O esforço biotecnológico mundial trouxe excelentes resultados obtendo produtos cada vez mais puros, específicos e viro-inativados. No entanto, estes produtos distribuídos no mundo todo, nem sempre tem seu transporte com a cadeia de frios que necessitam e podem ser alterados, prejudicados e mesmo ter total ineficácia terapêutica. Preocupados com a falta de controle pós-compra elaboramos um projeto de produção de anticorpos monoclonais murinos (AcMm) dirigidos contra fator VIII da coagulação com o intuito de obter uma ferramenta tecnológica para controle e validação dos produtos, antes da liberação para uso terapêutico em cada serviço. Os AcMm foram obtidos após a imunização de um grupo de camundongos, por via intraperitoneal, com FVIII natura cuja fonte foi crioprecipitado com intervalo de 21 dias entre as injeções. Após 45 dias retiramos o baço dos animais, recuperamos as células esplênicas e fusionamos as mesmas com células de mieloma murino segundo o método descrito por Köhler & Milstein (1975). Após o processo de fusão, os hibridomas foram distribuídos em placas de cultura e os híbridos viáveis foram retidos e testados quanto à sua especificidade. Os híbridos considerados de alta reatividade foram clonados e estabilizados durante os 4 primeiros meses de cultura, depois expandidos in vitro (cultura) e in vivo.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante., Financiador(es): Financiadora de Estudos e Projetos - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 2

  • 1996 - 1998

    Estudo dos Antígenos Leucocitários Suínos e Tolerização objetivando Xanotransplante., Descrição: A crescente demanda de órgãos para transplantes versus a também crescente dificuldade em obter órgãos para os referidos transplantes tem aumentado a fila de espera, o que tem determinado, só no estado de São Paulo, um grande número de óbitos. Para contribuir com o avanço tecnológico e produzir marcadores que propiciarão no futuro o monitoramento de prováveis órgãos oriundos de animais preparados para transplantes de órgãos, estabelecemos protocolos de obtenção e caracterização de anticorpos monoclonais murinos dirigidos contra antígenos eritrocitários de suínos Large White.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Alexandre Krause - Integrante / Ana Paula Ehrandt Oliveira - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1

  • 1994 - 1998

    Expansão clonal de anti-A, anti-B e anti-AB para uso em bancada, Descrição: Após a implantação do Laboratório de produção de anticorpos Monoclonais murinos a Divisão Hemocentro inciou uma nova fase de produção de insumos por biotecnologia. Os anticorpos anti-A, anti-B e anti-AB para a tipagem sangüínea rotineira foi validado por testes em paralelo com duas diferentes fontes comerciais de reagentes, obtendo desempenho superior numa amostragem de mais de 100.000 tipagens sangüíneas. Uma vez validados, entrou-se na fase de expansão clonal e produção de lotes de reagentes para uso interno em bancada, sem comercilização. Desta forma, isentos de registro no Ministério da Saúde.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Fátima Regina Guimarães - Integrante / Tania Rosalem - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 5

  • 1994 - 1998

    Produção de Anticorpos monoclonais dirigidos contra antígenos eritrocitários humanos, Descrição: Utilizando o avanço tecnológico da engenharia celular, implantamos no hemocentro de Botucatu o laboratório de produção de Anticorpos Monoclonais com objetivo claro de produzir insumos para a bancada da hemoterapia. Este objetivo era calcado na c]necessidade do serviço utilizar insumos de origem biotecnológico, mais seguros, mais precisos, porem de alto custo. Tendo em vista o término do contrato com a Universidade, este projeto teve continuidade com a contratação da pesquisadora, pelas regras CLT, para não haver descontinuidade do mesmo. Vários sub-produtos deste projeto inicial dão margem hoje à outras teses de mestrado e doutorado.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (4) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Tânia Rosalem - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 10 / Número de orientações: 6

  • 1993 - 1994

    Obtenção, Caracterização e Validação de anticorpos monoclonais anti-A, anti-B e anti-AB, Descrição: Em 1992, com a implantação do laboratório de produção de anticorpos monoclonais, a linha mestra de pesquisa ficou estabelecida como sendo a produção de anticorpos monoclonais dirigidos contra antígenos eritrocitários humanos que viessem após a padronização, validação e registro, substituir os reagentes de bancada vigentes naquela época no país, na sua maior parte, de origem policlonal. A origem mencionada dos anticorpos largamente comercializados no país, é humana, o que confrontava e confronta com a constituição federal que proíbe comercialização dos sangue e de seus derivados. Com intuito de obter anticorpos melhores para uso em bancada, respeitar a constituição brasileira e por questões de biossegurança, melhorar a qualidade de vida dos trabalhadores dos laboratórios de imunohematologia, os três mais usados anticorpos de uso imunohematolõgico foram produzidos.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 3

  • 1992 - 1993

    Implantação da Tecnologia de Produção de Anticorpos Monoclonais, Descrição: Depois de mestrado e doutorado na área de biotecnologia aplicada à transfusão, com teses realizadas no Institut National de Transfusion Sanguine de Paris/ Université Pierre et Marie Curie/Paris VI/França, o desafio foi a implantação do laboratório de engenharia celular voltado à produção de anticorpos monoclonais murinos para uso em bancada com fins hemoterápicos. Em meados de abri/maio de 1992 começou a tramitação na universidade para que pudesse me submeter ao concurso para a vaga de pesquisadora. Tão logo isto foi possível, com o despacho do reitor publicado 27/5/1992, processo 1011-92-FM-Bo, dei início à implantação dom referido laboratório. Inicialmente realizei uma auditoria para analisar as práticas laboratoriais e as condições de biossegurança e técnicas. Esta auditoria levou à implantação do grupo, que posteriormente se tornou Comitê de Biossegurança, Qualidade e Bioética, para a padronização dos procedimentos e adequação dentro de padrões interncaionais de qualidade. A grande dificuldade incial foi a aquisição de nitrogênio líquido para a manutenção dos clones a serem produzidos. Em dezembro de 1992 consegui obter o primeiro sucesso em cultura celular, após vários problemas, todos ligados às deficiêcnias de infra-estrutura e treinamentoi de equipe. O investimento inicial para equipar o laboratório vieram fundamentalmente da Secretaria Estadual de Saúde e FINEP.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (4) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Tânia Rosalem - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2017 - Atual

    Lisado de hemácias humanas: análise da estabilidade dos diferentes antígenos, Descrição: A transfusão de sangue tem uma série de análises imunológicas obrigatórias, entre elas a tipagem sanguínea, prova de compatibilidade e pesquisa de anticorpos irregulares. Este último exame utiliza-se de um mini painel de hemácias fenotipadas para a identificação de prováveis alo-anticorpos presentes no soro do paciente que será transfundido. Esta análise demora em média de 30 a 45 minutos e é de leitura subjetiva ( observador dependente). Neste projeto avaliar-se-ão técnicas de produção de lisado membranário para a composição de imunossensores que reduzam o tempo de análise ao máximo 5 minutos e torne a leitura objetiva ( por software) e interfaceável de forma digital com os sistemas de prontuários eletrônicos. Com isto, espera-se diminuir o tempo de preparo da transfusão de sangue, a sensibilidade do teste, a rastreabilidade do mesmo, e minimizar o erro de transcrição de resultados.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (0) Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thays Neto - Integrante / Ivana Cesarino - Integrante / Ligia Mayumi Abe - Integrante / Martin Leme - Integrante.

  • 2014 - 2017

    NEOFORMAÇÃO ÓSSEA: RETALHO DE GÁLEA E PERIÓSTEO PREENCHIDO COM CÉLULAS TRONCO MESENQUIMAIS. ESTUDO EM COELHO., Descrição: Trata-se do trabalho de doutorado da aluna Ryane Schmidt Brock, orientada do Prof. Fausto Viterbo, sendo que a parte da dissociação, expansão e caracterização das CTM de tecido adiposo são feitas em colaboração com o Laboratório de Engenharia Celular.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (0) Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Fausto Viterbo - Coordenador / Ryane Schmidt Brock - Integrante / Camila Juliane Sena Maleski - Integrante.

  • 2013 - Atual

    TRANSPLANTE TRAQUEAL EM RATOS UTILIZANDO TÉCNICAS DE RECONSTITUIÇÃO DE VIA AÉREA HOMÓLOGA COM CÉLULAS AUTÓLOGAS POR ENGENHARIA TECIDUAL, Descrição: A utilização de matriz extracelular como suporte biológico possui a vantagem e poder ser recelularizada com células do receptor. A recelularização do suporte biológico (matriz extracelular) é realizada por células autólogas cultivadas (epitélio respiratório) e condrócitos. Fundamentados na hipótese de que a reconstituição da via aérea homóloga com células autólogas utilizando-se técnica de engenharia tecidual é exequível, desenhamos um estudo experimental como objetivo de avaliar a viabilidade dos enxertos traqueais descelularizados e recelularizados em um modelo experimental de transplante traqueal em ratos.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristina Evaristo - Integrante / Paulo Francisco Guerreiro Cardoso - Integrante / Paulo Manoel Pego Fernandes - Integrante / Rogério Pazzetti - Integrante / Daniele Cristina Cataneo - Integrante.

  • 2013 - Atual

    ESTUDO DAS PROPRIEDADES VISCOELÁSTICAS DE TRAQUEIAS RECONSTRUÍDAS POR ENGENHARIA DE TECIDOS UTILIZANDO UM AMBIENTE DE AVALIAÇÃO DE MECÂNICA RESPIRATÓRIA POR IMAGEM., Descrição: O presente estudo experimental tem por objetivo avaliar as propriedades mecânicas de traqueias in vitro, comparando o comportamento de traqueias normais de ratos versus traqueias descelularizadas e recelularizadas por engenharia tecidual. Para tal, será utilizado uma nova instrumentação composta de ambiente de processamento de imagens e condicionamento/estimulação de tecidos, desenvolvidos recentemente no Laboratório de Engenharia Biomédica-Escola Politécnica-USP. Tal tecnologia é inédita e as análises preliminares da mecânica de traqueias descelularizadas, recelularizadas e normais, demonstram a capacidade do equipamento em executar as medidas de interesse... , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristine Evaristo - Integrante / Paulo Francisco Guerreiro Cardoso - Integrante / Daniele Cristina Cataneo - Integrante / Henrique Takachi Moriya - Integrante.

  • 2013 - Atual

    AVALIAÇÃO DA REOLOGIA DAS CÉLULAS TRAQUEAIS ISOLADAS ATRAVÉS DA CITOMETRIA MAGNÉTICO ÓPTICA DE OSCILAÇÃO (OMTC), Descrição: A confecção de neotraquéia a partir de engenharia tecidual combina processos de descelularização de aloenxertos traqueais com subsequente recelularização do enxerto. A engenharia de tecidos permite que as traquéias descelularizadas possam ser recelularizadas com condrócitos diferenciados a partir de cultura de células-tronco mesenquimais de tecido adiposo e células epiteliais respiratórias (CERs) obtidas do próprio receptor. Apesar da similaridade do epitélio respiratório e da musculatura lisa produzidos por técnicas de engenharia tecidual, pouco se sabe sobre as possíveis alterações do citoesqueleto destas células geradas em cultura, bem como seu impacto nas propriedades mecânicas intrínsicas da traquéia própriamente dita. O objetivo do presente estudo é o de avaliar-se o comportamento da microreologia celular da traquéia in vitro através da OMTC comparando-se células cultivadas à partir de traquéias normais com células utilizadas para a recelularização traqueal... , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristine Evaristo - Integrante / Paulo Francisco Guerreiro Cardoso - Integrante / Adriano Alencar - Integrante.

  • 2012 - Atual

    Estudo Multicêntrico do uso de Biocurativo no tratamento de feridas crônicas, Descrição: O Laboratório de Engenharia Celular, vem desde 2001 mantendo linha de pesquisa na área de curativos bioativos, denominados de Biocurativos. Atualmente, 3 produtos já foram validados em fase clínica I (humanos) sob aprovação do CONEP. Com o objetivo de avaliar a experiência de outros centros brasileiros com o uso dos produtos aqui desenvolvidos, delineou-se este projeto com a participação de 3 diferentes estados brasileiros.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Coltrim, OS - Integrante., Financiador(es): Fundo Nacional de Saúde Ministério da Saúde - Auxílio financeiro.

  • 2010 - 2012

    IMPLANTE DE CÉLULAS-TRONCO MESESENQUIMAIS AUTÓLOGAS ASSOCIADAS AO PRP EM TENDINITES EXPERIMENTAIS EM EQUINOS, Descrição: A tendinite do flexor digital superficial (TFDS) é uma das lesões mais comuns em eqüinos de alto desempenho, acarretando em uma significante morbidade e grande perda econômica na indústria eqüestre. Existem vários tipos de tratamentos descritos na literatura, que têm contribuído de forma significativa para o restabelecimento da morfo-fisiologia do tendão. No entanto há um campo fértil para inovar e melhorar a qualidade da matriz extracelular da estrutura tendínea. Com o advento da biotecnologia, a medicina regenerativa vem evoluindo significativamente e já existem trabalhos promissores no emprego de terapia celular e implante de plasma rico em plaquetas (PRP) na tendinite eqüina. Este trabalho tem como objetivo o implante autólogo de células-tronco mesenquimais (CTM) derivadas do tecido adiposo associada ao PRP em um dos membros torácicos de eqüinos com TFDS, que será induzida pelo emprego da colagenase. Os animais serão avaliados por parâmetros clínicos, exames de ultrassonografia, doppler-sonografia e após as biópsias a serem realizadas no 40o dia para avaliação do homing celular, ou seja, transporte dessas células do membro implantado (tratado) para o membro contralateral (controle); e no 150o dia do experimento, serão verificadas as características histológicas, imunoistoquímicas e avaliação da expressão gênica tendínea. Resumo em Inglês Objetivos 1. Objetivos gerais 1.1 Avaliação da eficácia da associação das células-tronco mesenquimais derivadas do tecido adiposo e o plasma rico em plaquetas na reparação tecidual do tendão. 1.2 Monitoramento das células-tronco autólogas inoculadas (homing celular), através da expressão das CTM marcadas com nanocristal quantum dot (Qtraker 655®). 2. Objetivos específicos 2.1 Caracterização imunofenotípica da superfície das células-tronco mesenquimais utilizando os marcadores CD44, CD90. 2.2 Avaliação do efeito do tratamento frente a parâmetros clínicos do aparelho locomotor eqüino. 2.3 Avaliação do efeito do tratamento f. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2011

    Produção de materiais nanoparticulados para processos baseados em imunocitoquímica, Descrição: PROJETO MULTICENTRICO SOB A COORDENAÇÃO PROF. SIDNEY RIBEIRO: Este projeto tem como meta principal a formação de uma rede internacional multidisciplinar envolvida na formação de mão de obra qualificada na área de nanomateriais com aplicação em medicina (4 doutores, 8 estágios de pós-doutoramento e estágios de estudantes de graduação). Os objetivos intermediários científicos a serem atendidos podem ser definidos como: -preparação de nanopartículas de óxidos de silício, alumínio, polímeros, contendo compostos luminescentes orgânicos e/ou de íons lantanídeos para calibração de citômetros de fluxo; -Validar aumento de vida de prateleira e sustentabilidade do produto sem proteção à luz em comparação com os produtos comerciais; -Isolamento de anticorpos monoclonais (ex. anti-linfócito B, anti-linfocito T, anti-leucócito, anti-mesenquimal) e acoplamento à nanopartículas magnéticas (ex. cobalto) para separação celular por seleção magnética positiva e negativa de populações celulares específicas*; -Desenvolvimento e caracterização de nanopartículas biodegradáveis luminescentes, e nanopartículas contendo quimioterápicos, ambas funcionalizadas por anticorpos monoclonais específicos; -Avaliação da capacidade de internalização de nanopartículas luminescentes funcionalizadas com mAbs anti-linfócitos B; -Estudo dinâmico de morte celular, in vitro, com co-cultivo de linhagem de linfoma B em presença de nanopartículas biodegradáveis funcionalizadas por anticorpos monoclonais anti-linfocitos B e também contendo quimioterápicos; -Realizar o seqüenciamento molecular da região dos clones codificadora das imunoglobulinas de interesse, de modo a se deter a originalidade, característica vinculada à patenteabilidade do produto. * corresponde às atividades a serem desenvolvidas na UNESP-BOTUCATU JUSTIFICATIVA PARA IMPLEMENTAÇÃO DO PROJETO: Este projeto visa a formação de uma rede interdisciplinar envolvendo químicos, físicos, biólogos, engenheiros químicos, biomédicos. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Priscila Murador - Integrante / Flávia Cilene Alves - Integrante / Michele Valério - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.

  • 2009 - 2011

    Proposta de modelo experimental de neotraquéia em coelho utilizando técnicas de engenharia de tecidos, Descrição: Injúrias traqueais são problemas na prática cirúrgica, pois apresentam dificuldades no tratamento. A engenharia tecidual (ET) consiste na regeneração de órgãos, através do recrutamento de tecidos do paciente, dissociados em células que são cultivadas sobre suportes biológicos ou sintéticos, para serem reinseridos no paciente; sendo a única técnica para substituição traqueal que fornece promessa real. A ET já tornou possível a substituição traqueal em paciente que apresentava estenose traqueobrônquica melhorando a qualidade de vida. Assim é possível construir uma neotraquéia com propriedades mecânicas que permitem a fisiologia normal, sem riscos de rejeição, provando que, células autólogas combinadas com biomateriais apropriados podem fornecer soluções funcionais em situações cirúrgicas complexas. O maior desafio é construir por meio de técnicas de ET uma via respiratória funcional que seja uniforme e altamente eficiente na cultura celular na superfície externa e interna da matriz tubular tridimensional, co-cultivando diferentes tipos celulares. Estabelecer um protocolo de modelo experimental de neotraquéia sobre uma estrutura tridimensional autóloga recobrindo-a externamente com o tecido cartilaginoso e internamente com epitélio respiratório é o desafio deste projeto.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado profissional: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Sérgio Felisbino - Integrante / Thaiane Cristina Evaristo - Integrante / Flávia Cilene Alves - Integrante / Raul Ruiz Junior - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2011

    Estudo comparativo de Gel de Plaquetas home made versus Hidrocolóide no processo de cicatrização de úlceras crônicas de etiologia venosa, Descrição: A úlcera de extremidades de membros inferiores representa uma patologia com alta incidência e prevalência afetando de 1 a 3% da população nos países em desenvolvimento. A etiologia vascular é a principal causa com 75 a 90% dos casos. A úlcera venosa dos membros inferiores é um problema comum nos países ocidentais, causando significante impacto socioeconômico. Diversos tipos de curativos têm sido desenvolvidos e estão disponíveis no mercado, sendo o acesso aos mesmos, limitado. Entre os diferentes curativos no mercado aqueles com fatores de crescimento usam mediadores biológicos naturais caracterizados como peptídeos com receptores teciduais. O Hemocentro de Botucatu vem desenvolvendo um hemocomponente de uso tópico a partir de produto excedente da pratica transfusional: plasma fresco congelado e concentrado de plaquetas(CP). As moléculas sinalizadoras (fatores de crescimento) solúveis, presentes no CP são integrantes fundamentais da nova apresentação denominada Gel de Plaquetas ou Biogel. Este produto favorece a migração, a proliferação e a diferenciação celular contribuindo para a modulação da resposta cicatricial. Este trabalho se propõe a aprimorar o gel de plaquetas laminar (Biogel), tendo em vista que a degranulação das plaquetas levam à liberação de inúmeros fatores: do aracdonato, prostaglandina PGE2, tromboxano (TXA), fator de agregação plaquetária (PAF), fator de crescimento derivado de plaquetas (PDGF) e vascular endotelial (VEGF) além daqueles derivados de fibroblastos (FGF), fator epidermal (EGF), e do fator transformador de crescimento β (TGF-β). Além de padronizar a dose-aplicação, esta pesquisa propõe comparar o desempenho do Biogel com o Hidrocolóide existente no mercado.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Aun - Integrante / Mariele Gobo - Integrante.

  • 2007 - 2010

    Avaliação de aspectos fisiológicos e cinéticos chaves do cultivo de hibridomas para produção de imunoglobulinas de uso hemoclassificatório, Descrição: : O objetivo desta pesquisa é avaliar as características fisiologicas e cinéticas de três hibridomas visando o desenvolvimento de um bioprocesso para produção otimizada de três anticorpos monoclonais a serem utilizados na tipagem sanguínea pelo sistema ABO, os quais são atualmente importados pelo sistema de saúde Brasileiro. Os hibridomas serão cultivados em escala de laboratório em duas etapas. Na primeira, os cultivos serão realizados em frascos spinner para conhecer várias características fisiológicas dos hibridomas que permitam identificar parâmetros relativos ao cultivo passíveis de melhora como comosião do meio de cultura, temperatura, pH e oxigenação. Numa segunda etapa, tendo melhorado as condições de cultivo dos hibridomas, serão feitos experimentos em biorreator de aprox. 1L para a obtenção de dados sobre cinética de crescimento e de produção dos anticorpos monoclonais. De posse das informações obtidas nas duas etapas será feito uma análise de engenharia de processo para definir estratégias de operação do biorreator que conduzam a altas produtividades dos anticorpos monoclonais que deverão ser validadas em experimentos de cultivo no mesmo biorreator. Os resultados finais obtidos serão utilizados para o delineamento de um bioprocesso para produção em escala piloto de cada anticorpo monoclonal. Os estudos de aumento de escala (industrial) serão deixados para uma pesquisa posterior, uma vez que os custos para este tipo de estudo são bem maiores. Os resultados da pesquisa são do interesse da Empresa Brasileira de Hemoderivados e Biotecnologia (Hemobras), co-participe desta pesquisa.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Suazo, CAT - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2007 - 2009

    Caracterização de anticorpos monoclonais anti-CD45, Descrição: Este projeto tem como objeto a caracterização e validação de clones anti-CD45 obtidos pelo Laboratório de Engenharia Celular do Hemocentro de Botucatu. A validação realizada tem como objetivo o uso em citometria de fluxo com marcação com isotiocianato de fluoroceína e em imunohistoquímica testando pela tecnologia de Tissue array em colaboração com Departamento de Patologia do HC-FMB/UNESP.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Marjorie de Assis Golim - Integrante / Luciandro Sodré - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 1

  • 2007 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais anti-Taenia Saginata, Descrição: Projeto em parceria com professora Cáris Nunes da UNESP de Araçatuba.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Josy Campanhã Vicentini - Integrante / Caris Maroni - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1

  • 2005 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais de Uso Hemoterápico, Descrição: Trata-se da otimização de clones existentes e da produção de novos clones para uso em hemoterapia. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Especialização: (1) / Mestrado profissional: (3) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Marina de Souza - Integrante / Daniel Bassetto Jesuíno - Integrante / Elaine Navarro - Integrante / Aparecida Vitória G. Souza - Integrante., Financiador(es): Agência Nacional de Vigilância Sanitária - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 8

  • 2005 - 2007

    Construção de Área limpa e Laboratório Classificado NB3 para a produção de anticorpos monoclonais anti-RSV, Descrição: A construção de área limpa classificada 10.000 e de um laboratório de contenção de nivel 3 de segurança - NB3 trata-se de uma proposta cooperada dentro do Genoma Vírus financiado pela Fapesp sob a coordenação da Profa. Dra. Maria Inês de Moura Campos Pardini. O Laboratório de Engenharia celular obteve esta área física contemplada dentro do compromisso do desenvolvimento de anticorpos monoclonais anti proteína F do RSV ( vírus sincicial respiratório) responsável por enfermidades graves em crianças no mundo todo. A proposta é a produção do anticorpo monoclonal a partir da proteína F pruduzida por tecnologia recombinante pelo grupo cooperado do Genoma Vírus.. , Situação: Desativado; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (2) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Maria Inês de Moura Campos Pardini - Coordenador / Andrei Moroz - Integrante / Marina de Oliveira - Integrante / Elaine Navarro - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2005 - 2006

    Desenvolvimento de Insumos estratégicos para acompanhamento de pacientes com AIDS - UNESCO, Descrição: Monoclonal antibodies (mAbs) are identical because they were produced by one type of immune cell. Antigen is injected into mice some of the immune system B-cells will turn into plasma cells and start to produce antibodies. B-cells from mice spleen are removed and fused with myeloma tumor cells (NS1) that grow indefinitely in culture originating hybridomas. These are cloned, so that one obtains a number of different colonies, each producing only one type of antibody. When the clone cells are injected in the peritoneal cavity mice, they produce tumors containing an antibody-rich fluid called ascitic fluid. The purpose of the development of these mAbs is for application to the differential diagnosis of B-cell disorders. Patient Cells with B-cell chronic lymphocytic leukemia were immunophenotyping by flow cytometry (FC) for determination of the immunogens (human lymphocyte B - HLB). Peripheral blood mononuclear cells were isolated from whole blood samples using density gradient centrifugation. Twenty-five BALB/c mice were immunized intraperitoneally with HLB. The spleen was removed, a cell suspension produced was fused using polyethylene glycol with NS1/HLB cells and plated out into HAT-selective growth medium. The cultures were incubated for approximately until significant colony growth was apparent. The hybrids supernatant culture that demonstrated a better performance were collected and tested by FC (screening) for the presence of the appropriate mAbs. Cells from positive wells were single-cell cloned. Screening was repeated for the confirmation of the especificity of mAb, proceeded in vivo expansion for attainment from high-titered solution of mAb - ascitic fluid. The cellular fusion resulted in 1248 hybridomas, of which 22 were positive by FC and subsequently cloned resulting 29 clones. These 29 tested by FC staining 20 were strongly positive, so that the clone cells are injected in 100 mice to produced ascitic fluid.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Marjorie de Assis Golim - Integrante / Renata Bittencourt - Integrante / Marina Oliveira - Integrante., Financiador(es): Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais em Hemoterapia, Descrição: O projeto intitulado Produção e Validação de reagentes monoclonais para uso Hemoterápico foi apresentado a Agência Nacional de Vigilância Sanitásria - ANVISA, recebendo parecer favorável tendo sido efetuado convênio com a Fundação para o Desenvolvimento Médico Hospitalar - FAMESP, conênio 030/2004 para o repasse de recursos financeiros que viabilizarão até meados de 2006 o registro de anticorpos monoclonais produzidos e validados no Brasil. Coordenador do Projeto. Alunos envolvidos: Iniciação científica 2, especialização 1 e mestrado 2.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante / Andrei Moroz - Integrante / Carlos Tognolli - Integrante / Débora Botéquio - Integrante., Financiador(es): Agência Nacional de Vigilância Sanitária - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 7 / Número de orientações: 3

  • 2004 - 2008

    Produção e validação de Anticorpos monoclonais de uso Médico, Descrição: Durante o treinamento de recursos humanos de áreas estratégicas do país (Piauí, Acre) identificamos o grave problema de fornecimento de material diagnóstico em pequena quantidade para áreas distantes, muito quentes, cujo forncedor coloca preço proibitivo para os insumos, obrigando muitas vezes o serviço a usar insumos vencidos. Com objetivo de registrar insumos junto à anvisa, propusemos este projeto, cujos produtos obtidos, validados e registrados serão disponibilizados para as áreas brasileiras com menor recursos financeiro, com intuito de garantir uma transfusão eficaz e segura em qualquer ponto de território brasileiro. O projeto foi submetido ao CNPq tendo sido aprovado. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Rita de Cássia Alvarado - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 34 / Número de orientações: 12

  • 2003 - 2010

    Desenvolvimento de cola de fibrina home made para uso tópico, Descrição: Trata-se da obtenção de cola de fibrina a partir de plasma excedente. Este projeto contém etapas intermediárias, entre elas, a fase devalidação do plasma excedente através das determinações de Fatores V, VIII, IX, XIII, fibrinogênio, fibronectina, PDGF e VEGF. Outra etapa configura-se com a purificação da trombina humana. A terceira etapa é a formação da cola de fibrina home made, considerado hemocomponente de uso tópico. Tal hemocomponentes, oiu biocurativo vem sendo aplicado, com a respectiva autorização do CONEP em seres humanos para a cicatrização de feridas crônicas de etiologia venosa.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado profissional: (4) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Danielle Morais - Integrante / Illymach Canedo Ferreira de Araújo - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante., Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 4

  • 2002 - 2004

    Uso de Biocurativo nas úlceras de pressão, Descrição: Produção de biocurativo: constituição de pasta dermatológica modificada e enriquecida com proteínas humanas concentradas oriundas da preparação de crioprecipitado. Esta pasta foi enriquecida com altas concentrações de fibrinogêncio, fibronectina, vit A, flavonóides, Vit. C, entre outros elementos anti-oxidantes e testados em animais e posteriormente à aprovação do Conep, foi usada para a cicatrização de úlceras de pressão em pacientes cujo tratamento clássico não cicatrizava a lesão. Trata-se de obtenção de cola de fibrina home made, de origem integralmente humana.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Marla Andréia Garcia - Integrante / Gilsara Alves - Integrante., Número de orientações: 1

  • 2001 - Atual

    Estruturação ex-vivo de vasos sanguíneos a partir da diferenciação de células tronco de coelhos, Descrição: A doença arterial obstrutiva periférica está presente em 5% da população e em cerca de 20 a 30% dos casos pode evoluir para amputação do membro inferior acometido, mesmo com os tratamentos hoje existentes. Por isso, justifica-se a busca por novas técnicas para controle da evolução da doença. Pesquisas recentes envolvendo células tronco e engenharia celular apontam para um futuro promissor com base na terapêutica regenerativa e substitutiva de tecidos. A terapia celular é um ramo da medicina regenerativa e consiste em três vertentes terapêuticas: condutiva, a qual se refere ao re-estabelecimento autônomo das células através de estímulo externo; indutiva, em que fatores de crescimento são adicionados à célula para que esta se regenere. As células-tronco perfazem a terceira vertente e são utilizadas na terapia celular para regeneração tecidual. O desafio deste estudo está relacionado a terceira vertente acima mencionada, focalizando o aprimoramento das técnicas de engenharia celular, com a finalidade de produzir um substituto arterial autólogo in vitro, utilizando células tronco mesenquimais (CTM) de tecido adiposo de coelho que serão cultivadas sob um ?scaffold?e/ou biomaterial descelularizado. Em seguida, estas CTM serão diferenciadas em tecido endotelial e tecido muscular liso de forma a mimetizar a parede do vaso sanguíneo. Futuramente, esse modelo poderá vir a ser aplicado em enxertos vasculares (by-pass) que atualmente se faz através do uso da veia safena magna autóloga ou com o uso de próteses sintéticas inorgânicos, as quais podem provocar a rejeição. Dessa forma, espera-se contribuir para o desenvolvimento de novas alternativas para o tratamento dos pacientes portadores de insuficiência arterial.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 1999 - 2002

    Produção de Anticorpos Monoclonais Anti-produto de degradação do fibrinogênio/fibrina humano, Descrição: O processo hemostático para a formação do trombo é iniciado um complexo de substância denomiadas ativadores da protrombina que fará a conversão desta em trombina. Por sua vez, a trombina age sobre a molécula de fibrinogênio convertendo-o em fibrina. As novas técnicas de engenharia celulares avançaram muito nas últimas décadas. Entre os avanços destaca-se a produção de anticorpos monoclonais murinos (AcMm) e humanos segundo Köhler e Milstein(1975). Os hemoderivados obtidos através de AcMm possuem uma qualidade inquestionável quanto à pureza sendo a maioria obtida somente no mercado internacional. A obtenção de AcMm contra o produto de degradação fibrinogênio/fibrina humano terá sua utilização nas rotinas laboratoriais contribuindo para o diagnóstico de inúmeras patologias. Camundongos Balb/c foram imunizados com: crioprecipitado ( protocolo ROSOB), fibrinogênio purificado pelo método de Kazal e cols. modificado ( protocolo CRIS), fibrinogênio comercial ( protocolo FIB), fragmento D comercial ( protocolo DIM). As células esplênicas do animal imunizado foram fusionadas com células mielomatosas NS1-1 e os híbridos foram selecionados levando em consideração os apectos genéticos HGPRT negativos do mieloma e positivo das células híbridas. Os anticorpos obtidos foram testados pela técnica ELISA, dot blot, testes de inibição e caractereizados por imunoblotting, sendo que o peso molecular da proteína que cada anticorpo reconhecia foi determinado após análise por imagem comparativa (VDS)-Amersham Pharmacia Biotech. As classes e sub-classes de imunoglobulinas foram determinadas pelo método de imunodifusão radial e confirmadas por citometria de fluxo.A monoclonalidade foi estabelecida pela eletroforese em gel de agarose. Os anticorpos obtidos reconhecem produtos de degradação do fibrionogênio: anti-produto de degradação do fagmento Y ( anticorpo reconhecendo proteínas de PM 50.700 e 40.300 daltos) e anti- fragmento D ( anticorpo reconhecendo proteína de PM= 32.400 dalton.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Cristiane Aparecida Ferino - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 1996 - 2001

    Produção de Anticorpos Monoclonais anti-Fator VIII da coagulação, expansão clonal e domínio da tecnologia de produção em larga escala, Descrição: CONTROLE DE QUALIDADE DE HEMODERIVADOS: QUALIDADE DE VIDA DO HEMOFÍLICO. Deffune, Elenice, Ferreira-Rossi, Rosana, Guimarães, Fátima Regina e Machado, Paulo Eduardo de Abreu. Hemocentro de Botucatu-Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina-UNESP. O desenvolvimento de talentos na área da saúde para o atendimento universal, multiprofissional e de qualidade para os hemofílicos é um dos desafios das últimas décadas.Envolvidos em processos dolorosos mundiais, fruto de utilização de produtos lábeis ou hemoderivados de padrão questionáveis, os hemofílicos foram assolados pelo HIV. O esforço biotecnológico mundial trouxe excelentes resultados obtendo produtos cada vez mais puros, específicos e viro-inativados. No entanto, estes produtos distribuídos no mundo todo, nem sempre tem seu transporte com a cadeia de frios que necessitam e podem ser alterados, prejudicados e mesmo ter total ineficácia terapêutica. Preocupados com a falta de controle pós-compra elaboramos um projeto de produção de anticorpos monoclonais murinos (AcMm) dirigidos contra fator VIII da coagulação com o intuito de obter uma ferramenta tecnológica para controle e validação dos produtos, antes da liberação para uso terapêutico em cada serviço. Os AcMm foram obtidos após a imunização de um grupo de camundongos, por via intraperitoneal, com FVIII natura cuja fonte foi crioprecipitado com intervalo de 21 dias entre as injeções. Após 45 dias retiramos o baço dos animais, recuperamos as células esplênicas e fusionamos as mesmas com células de mieloma murino segundo o método descrito por Köhler & Milstein (1975). Após o processo de fusão, os hibridomas foram distribuídos em placas de cultura e os híbridos viáveis foram retidos e testados quanto à sua especificidade. Os híbridos considerados de alta reatividade foram clonados e estabilizados durante os 4 primeiros meses de cultura, depois expandidos in vitro (cultura) e in vivo.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante., Financiador(es): Financiadora de Estudos e Projetos - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 2

  • 1996 - 1998

    Estudo dos Antígenos Leucocitários Suínos e Tolerização objetivando Xanotransplante., Descrição: A crescente demanda de órgãos para transplantes versus a também crescente dificuldade em obter órgãos para os referidos transplantes tem aumentado a fila de espera, o que tem determinado, só no estado de São Paulo, um grande número de óbitos. Para contribuir com o avanço tecnológico e produzir marcadores que propiciarão no futuro o monitoramento de prováveis órgãos oriundos de animais preparados para transplantes de órgãos, estabelecemos protocolos de obtenção e caracterização de anticorpos monoclonais murinos dirigidos contra antígenos eritrocitários de suínos Large White.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Alexandre Krause - Integrante / Ana Paula Ehrandt Oliveira - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1

  • 1994 - 1998

    Produção de Anticorpos monoclonais dirigidos contra antígenos eritrocitários humanos, Descrição: Utilizando o avanço tecnológico da engenharia celular, implantamos no hemocentro de Botucatu o laboratório de produção de Anticorpos Monoclonais com objetivo claro de produzir insumos para a bancada da hemoterapia. Este objetivo era calcado na c]necessidade do serviço utilizar insumos de origem biotecnológico, mais seguros, mais precisos, porem de alto custo. Tendo em vista o término do contrato com a Universidade, este projeto teve continuidade com a contratação da pesquisadora, pelas regras CLT, para não haver descontinuidade do mesmo. Vários sub-produtos deste projeto inicial dão margem hoje à outras teses de mestrado e doutorado.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (4) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Tânia Rosalem - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 10 / Número de orientações: 6

  • 1994 - 1998

    Expansão clonal de anti-A, anti-B e anti-AB para uso em bancada, Descrição: Após a implantação do Laboratório de produção de anticorpos Monoclonais murinos a Divisão Hemocentro inciou uma nova fase de produção de insumos por biotecnologia. Os anticorpos anti-A, anti-B e anti-AB para a tipagem sangüínea rotineira foi validado por testes em paralelo com duas diferentes fontes comerciais de reagentes, obtendo desempenho superior numa amostragem de mais de 100.000 tipagens sangüíneas. Uma vez validados, entrou-se na fase de expansão clonal e produção de lotes de reagentes para uso interno em bancada, sem comercilização. Desta forma, isentos de registro no Ministério da Saúde.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Fátima Regina Guimarães - Integrante / Tania Rosalem - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 5

  • 1993 - 1994

    Obtenção, Caracterização e Validação de anticorpos monoclonais anti-A, anti-B e anti-AB, Descrição: Em 1992, com a implantação do laboratório de produção de anticorpos monoclonais, a linha mestra de pesquisa ficou estabelecida como sendo a produção de anticorpos monoclonais dirigidos contra antígenos eritrocitários humanos que viessem após a padronização, validação e registro, substituir os reagentes de bancada vigentes naquela época no país, na sua maior parte, de origem policlonal. A origem mencionada dos anticorpos largamente comercializados no país, é humana, o que confrontava e confronta com a constituição federal que proíbe comercialização dos sangue e de seus derivados. Com intuito de obter anticorpos melhores para uso em bancada, respeitar a constituição brasileira e por questões de biossegurança, melhorar a qualidade de vida dos trabalhadores dos laboratórios de imunohematologia, os três mais usados anticorpos de uso imunohematolõgico foram produzidos.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 3

  • 1992 - 1993

    Implantação da Tecnologia de Produção de Anticorpos Monoclonais, Descrição: Depois de mestrado e doutorado na área de biotecnologia aplicada à transfusão, com teses realizadas no Institut National de Transfusion Sanguine de Paris/ Université Pierre et Marie Curie/Paris VI/França, o desafio foi a implantação do laboratório de engenharia celular voltado à produção de anticorpos monoclonais murinos para uso em bancada com fins hemoterápicos. Em meados de abri/maio de 1992 começou a tramitação na universidade para que pudesse me submeter ao concurso para a vaga de pesquisadora. Tão logo isto foi possível, com o despacho do reitor publicado 27/5/1992, processo 1011-92-FM-Bo, dei início à implantação dom referido laboratório. Inicialmente realizei uma auditoria para analisar as práticas laboratoriais e as condições de biossegurança e técnicas. Esta auditoria levou à implantação do grupo, que posteriormente se tornou Comitê de Biossegurança, Qualidade e Bioética, para a padronização dos procedimentos e adequação dentro de padrões interncaionais de qualidade. A grande dificuldade incial foi a aquisição de nitrogênio líquido para a manutenção dos clones a serem produzidos. Em dezembro de 1992 consegui obter o primeiro sucesso em cultura celular, após vários problemas, todos ligados às deficiêcnias de infra-estrutura e treinamentoi de equipe. O investimento inicial para equipar o laboratório vieram fundamentalmente da Secretaria Estadual de Saúde e FINEP.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (4) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Tânia Rosalem - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2017 - Atual

    Lisado de hemácias humanas: análise da estabilidade dos diferentes antígenos, Descrição: A transfusão de sangue tem uma série de análises imunológicas obrigatórias, entre elas a tipagem sanguínea, prova de compatibilidade e pesquisa de anticorpos irregulares. Este último exame utiliza-se de um mini painel de hemácias fenotipadas para a identificação de prováveis alo-anticorpos presentes no soro do paciente que será transfundido. Esta análise demora em média de 30 a 45 minutos e é de leitura subjetiva ( observador dependente). Neste projeto avaliar-se-ão técnicas de produção de lisado membranário para a composição de imunossensores que reduzam o tempo de análise ao máximo 5 minutos e torne a leitura objetiva ( por software) e interfaceável de forma digital com os sistemas de prontuários eletrônicos. Com isto, espera-se diminuir o tempo de preparo da transfusão de sangue, a sensibilidade do teste, a rastreabilidade do mesmo, e minimizar o erro de transcrição de resultados.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (0) Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thays Neto - Integrante / Ivana Cesarino - Integrante / Ligia Mayumi Abe - Integrante / Martin Leme - Integrante.

  • 2014 - 2017

    NEOFORMAÇÃO ÓSSEA: RETALHO DE GÁLEA E PERIÓSTEO PREENCHIDO COM CÉLULAS TRONCO MESENQUIMAIS. ESTUDO EM COELHO., Descrição: Trata-se do trabalho de doutorado da aluna Ryane Schmidt Brock, orientada do Prof. Fausto Viterbo, sendo que a parte da dissociação, expansão e caracterização das CTM de tecido adiposo são feitas em colaboração com o Laboratório de Engenharia Celular.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (0) Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Fausto Viterbo - Coordenador / Ryane Schmidt Brock - Integrante / Camila Juliane Sena Maleski - Integrante.

  • 2013 - Atual

    TRANSPLANTE TRAQUEAL EM RATOS UTILIZANDO TÉCNICAS DE RECONSTITUIÇÃO DE VIA AÉREA HOMÓLOGA COM CÉLULAS AUTÓLOGAS POR ENGENHARIA TECIDUAL, Descrição: A utilização de matriz extracelular como suporte biológico possui a vantagem e poder ser recelularizada com células do receptor. A recelularização do suporte biológico (matriz extracelular) é realizada por células autólogas cultivadas (epitélio respiratório) e condrócitos. Fundamentados na hipótese de que a reconstituição da via aérea homóloga com células autólogas utilizando-se técnica de engenharia tecidual é exequível, desenhamos um estudo experimental como objetivo de avaliar a viabilidade dos enxertos traqueais descelularizados e recelularizados em um modelo experimental de transplante traqueal em ratos.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristina Evaristo - Integrante / Paulo Francisco Guerreiro Cardoso - Integrante / Paulo Manoel Pego Fernandes - Integrante / Rogério Pazzetti - Integrante / Daniele Cristina Cataneo - Integrante.

  • 2013 - Atual

    ESTUDO DAS PROPRIEDADES VISCOELÁSTICAS DE TRAQUEIAS RECONSTRUÍDAS POR ENGENHARIA DE TECIDOS UTILIZANDO UM AMBIENTE DE AVALIAÇÃO DE MECÂNICA RESPIRATÓRIA POR IMAGEM., Descrição: O presente estudo experimental tem por objetivo avaliar as propriedades mecânicas de traqueias in vitro, comparando o comportamento de traqueias normais de ratos versus traqueias descelularizadas e recelularizadas por engenharia tecidual. Para tal, será utilizado uma nova instrumentação composta de ambiente de processamento de imagens e condicionamento/estimulação de tecidos, desenvolvidos recentemente no Laboratório de Engenharia Biomédica-Escola Politécnica-USP. Tal tecnologia é inédita e as análises preliminares da mecânica de traqueias descelularizadas, recelularizadas e normais, demonstram a capacidade do equipamento em executar as medidas de interesse... , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristine Evaristo - Integrante / Paulo Francisco Guerreiro Cardoso - Integrante / Daniele Cristina Cataneo - Integrante / Henrique Takachi Moriya - Integrante.

  • 2013 - Atual

    AVALIAÇÃO DA REOLOGIA DAS CÉLULAS TRAQUEAIS ISOLADAS ATRAVÉS DA CITOMETRIA MAGNÉTICO ÓPTICA DE OSCILAÇÃO (OMTC), Descrição: A confecção de neotraquéia a partir de engenharia tecidual combina processos de descelularização de aloenxertos traqueais com subsequente recelularização do enxerto. A engenharia de tecidos permite que as traquéias descelularizadas possam ser recelularizadas com condrócitos diferenciados a partir de cultura de células-tronco mesenquimais de tecido adiposo e células epiteliais respiratórias (CERs) obtidas do próprio receptor. Apesar da similaridade do epitélio respiratório e da musculatura lisa produzidos por técnicas de engenharia tecidual, pouco se sabe sobre as possíveis alterações do citoesqueleto destas células geradas em cultura, bem como seu impacto nas propriedades mecânicas intrínsicas da traquéia própriamente dita. O objetivo do presente estudo é o de avaliar-se o comportamento da microreologia celular da traquéia in vitro através da OMTC comparando-se células cultivadas à partir de traquéias normais com células utilizadas para a recelularização traqueal... , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristine Evaristo - Integrante / Paulo Francisco Guerreiro Cardoso - Integrante / Adriano Alencar - Integrante.

  • 2012 - Atual

    Estudo Multicêntrico do uso de Biocurativo no tratamento de feridas crônicas, Descrição: O Laboratório de Engenharia Celular, vem desde 2001 mantendo linha de pesquisa na área de curativos bioativos, denominados de Biocurativos. Atualmente, 3 produtos já foram validados em fase clínica I (humanos) sob aprovação do CONEP. Com o objetivo de avaliar a experiência de outros centros brasileiros com o uso dos produtos aqui desenvolvidos, delineou-se este projeto com a participação de 3 diferentes estados brasileiros.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Coltrim, OS - Integrante., Financiador(es): Fundo Nacional de Saúde Ministério da Saúde - Auxílio financeiro.

  • 2010 - 2012

    IMPLANTE DE CÉLULAS-TRONCO MESESENQUIMAIS AUTÓLOGAS ASSOCIADAS AO PRP EM TENDINITES EXPERIMENTAIS EM EQUINOS, Descrição: A tendinite do flexor digital superficial (TFDS) é uma das lesões mais comuns em eqüinos de alto desempenho, acarretando em uma significante morbidade e grande perda econômica na indústria eqüestre. Existem vários tipos de tratamentos descritos na literatura, que têm contribuído de forma significativa para o restabelecimento da morfo-fisiologia do tendão. No entanto há um campo fértil para inovar e melhorar a qualidade da matriz extracelular da estrutura tendínea. Com o advento da biotecnologia, a medicina regenerativa vem evoluindo significativamente e já existem trabalhos promissores no emprego de terapia celular e implante de plasma rico em plaquetas (PRP) na tendinite eqüina. Este trabalho tem como objetivo o implante autólogo de células-tronco mesenquimais (CTM) derivadas do tecido adiposo associada ao PRP em um dos membros torácicos de eqüinos com TFDS, que será induzida pelo emprego da colagenase. Os animais serão avaliados por parâmetros clínicos, exames de ultrassonografia, doppler-sonografia e após as biópsias a serem realizadas no 40o dia para avaliação do homing celular, ou seja, transporte dessas células do membro implantado (tratado) para o membro contralateral (controle); e no 150o dia do experimento, serão verificadas as características histológicas, imunoistoquímicas e avaliação da expressão gênica tendínea. Resumo em Inglês Objetivos 1. Objetivos gerais 1.1 Avaliação da eficácia da associação das células-tronco mesenquimais derivadas do tecido adiposo e o plasma rico em plaquetas na reparação tecidual do tendão. 1.2 Monitoramento das células-tronco autólogas inoculadas (homing celular), através da expressão das CTM marcadas com nanocristal quantum dot (Qtraker 655®). 2. Objetivos específicos 2.1 Caracterização imunofenotípica da superfície das células-tronco mesenquimais utilizando os marcadores CD44, CD90. 2.2 Avaliação do efeito do tratamento frente a parâmetros clínicos do aparelho locomotor eqüino. 2.3 Avaliação do efeito do tratamento f. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa.

  • 2009 - 2011

    Produção de materiais nanoparticulados para processos baseados em imunocitoquímica, Descrição: PROJETO MULTICENTRICO SOB A COORDENAÇÃO PROF. SIDNEY RIBEIRO: Este projeto tem como meta principal a formação de uma rede internacional multidisciplinar envolvida na formação de mão de obra qualificada na área de nanomateriais com aplicação em medicina (4 doutores, 8 estágios de pós-doutoramento e estágios de estudantes de graduação). Os objetivos intermediários científicos a serem atendidos podem ser definidos como: -preparação de nanopartículas de óxidos de silício, alumínio, polímeros, contendo compostos luminescentes orgânicos e/ou de íons lantanídeos para calibração de citômetros de fluxo; -Validar aumento de vida de prateleira e sustentabilidade do produto sem proteção à luz em comparação com os produtos comerciais; -Isolamento de anticorpos monoclonais (ex. anti-linfócito B, anti-linfocito T, anti-leucócito, anti-mesenquimal) e acoplamento à nanopartículas magnéticas (ex. cobalto) para separação celular por seleção magnética positiva e negativa de populações celulares específicas*; -Desenvolvimento e caracterização de nanopartículas biodegradáveis luminescentes, e nanopartículas contendo quimioterápicos, ambas funcionalizadas por anticorpos monoclonais específicos; -Avaliação da capacidade de internalização de nanopartículas luminescentes funcionalizadas com mAbs anti-linfócitos B; -Estudo dinâmico de morte celular, in vitro, com co-cultivo de linhagem de linfoma B em presença de nanopartículas biodegradáveis funcionalizadas por anticorpos monoclonais anti-linfocitos B e também contendo quimioterápicos; -Realizar o seqüenciamento molecular da região dos clones codificadora das imunoglobulinas de interesse, de modo a se deter a originalidade, característica vinculada à patenteabilidade do produto. * corresponde às atividades a serem desenvolvidas na UNESP-BOTUCATU JUSTIFICATIVA PARA IMPLEMENTAÇÃO DO PROJETO: Este projeto visa a formação de uma rede interdisciplinar envolvendo químicos, físicos, biólogos, engenheiros químicos, biomédicos. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Priscila Murador - Integrante / Flávia Cilene Alves - Integrante / Michele Valério - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.

  • 2009 - 2011

    Proposta de modelo experimental de neotraquéia em coelho utilizando técnicas de engenharia de tecidos, Descrição: Injúrias traqueais são problemas na prática cirúrgica, pois apresentam dificuldades no tratamento. A engenharia tecidual (ET) consiste na regeneração de órgãos, através do recrutamento de tecidos do paciente, dissociados em células que são cultivadas sobre suportes biológicos ou sintéticos, para serem reinseridos no paciente; sendo a única técnica para substituição traqueal que fornece promessa real. A ET já tornou possível a substituição traqueal em paciente que apresentava estenose traqueobrônquica melhorando a qualidade de vida. Assim é possível construir uma neotraquéia com propriedades mecânicas que permitem a fisiologia normal, sem riscos de rejeição, provando que, células autólogas combinadas com biomateriais apropriados podem fornecer soluções funcionais em situações cirúrgicas complexas. O maior desafio é construir por meio de técnicas de ET uma via respiratória funcional que seja uniforme e altamente eficiente na cultura celular na superfície externa e interna da matriz tubular tridimensional, co-cultivando diferentes tipos celulares. Estabelecer um protocolo de modelo experimental de neotraquéia sobre uma estrutura tridimensional autóloga recobrindo-a externamente com o tecido cartilaginoso e internamente com epitélio respiratório é o desafio deste projeto.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado profissional: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Sérgio Felisbino - Integrante / Thaiane Cristina Evaristo - Integrante / Flávia Cilene Alves - Integrante / Raul Ruiz Junior - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa.

  • 2009 - 2011

    Estudo comparativo de Gel de Plaquetas home made versus Hidrocolóide no processo de cicatrização de úlceras crônicas de etiologia venosa, Descrição: A úlcera de extremidades de membros inferiores representa uma patologia com alta incidência e prevalência afetando de 1 a 3% da população nos países em desenvolvimento. A etiologia vascular é a principal causa com 75 a 90% dos casos. A úlcera venosa dos membros inferiores é um problema comum nos países ocidentais, causando significante impacto socioeconômico. Diversos tipos de curativos têm sido desenvolvidos e estão disponíveis no mercado, sendo o acesso aos mesmos, limitado. Entre os diferentes curativos no mercado aqueles com fatores de crescimento usam mediadores biológicos naturais caracterizados como peptídeos com receptores teciduais. O Hemocentro de Botucatu vem desenvolvendo um hemocomponente de uso tópico a partir de produto excedente da pratica transfusional: plasma fresco congelado e concentrado de plaquetas(CP). As moléculas sinalizadoras (fatores de crescimento) solúveis, presentes no CP são integrantes fundamentais da nova apresentação denominada Gel de Plaquetas ou Biogel. Este produto favorece a migração, a proliferação e a diferenciação celular contribuindo para a modulação da resposta cicatricial. Este trabalho se propõe a aprimorar o gel de plaquetas laminar (Biogel), tendo em vista que a degranulação das plaquetas levam à liberação de inúmeros fatores: do aracdonato, prostaglandina PGE2, tromboxano (TXA), fator de agregação plaquetária (PAF), fator de crescimento derivado de plaquetas (PDGF) e vascular endotelial (VEGF) além daqueles derivados de fibroblastos (FGF), fator epidermal (EGF), e do fator transformador de crescimento β (TGF-β). Além de padronizar a dose-aplicação, esta pesquisa propõe comparar o desempenho do Biogel com o Hidrocolóide existente no mercado.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Aun - Integrante / Mariele Gobo - Integrante.

  • 2007 - 2010

    Avaliação de aspectos fisiológicos e cinéticos chaves do cultivo de hibridomas para produção de imunoglobulinas de uso hemoclassificatório, Descrição: : O objetivo desta pesquisa é avaliar as características fisiologicas e cinéticas de três hibridomas visando o desenvolvimento de um bioprocesso para produção otimizada de três anticorpos monoclonais a serem utilizados na tipagem sanguínea pelo sistema ABO, os quais são atualmente importados pelo sistema de saúde Brasileiro. Os hibridomas serão cultivados em escala de laboratório em duas etapas. Na primeira, os cultivos serão realizados em frascos spinner para conhecer várias características fisiológicas dos hibridomas que permitam identificar parâmetros relativos ao cultivo passíveis de melhora como comosião do meio de cultura, temperatura, pH e oxigenação. Numa segunda etapa, tendo melhorado as condições de cultivo dos hibridomas, serão feitos experimentos em biorreator de aprox. 1L para a obtenção de dados sobre cinética de crescimento e de produção dos anticorpos monoclonais. De posse das informações obtidas nas duas etapas será feito uma análise de engenharia de processo para definir estratégias de operação do biorreator que conduzam a altas produtividades dos anticorpos monoclonais que deverão ser validadas em experimentos de cultivo no mesmo biorreator. Os resultados finais obtidos serão utilizados para o delineamento de um bioprocesso para produção em escala piloto de cada anticorpo monoclonal. Os estudos de aumento de escala (industrial) serão deixados para uma pesquisa posterior, uma vez que os custos para este tipo de estudo são bem maiores. Os resultados da pesquisa são do interesse da Empresa Brasileira de Hemoderivados e Biotecnologia (Hemobras), co-participe desta pesquisa.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Suazo, CAT - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2007 - 2009

    Caracterização de anticorpos monoclonais anti-CD45, Descrição: Este projeto tem como objeto a caracterização e validação de clones anti-CD45 obtidos pelo Laboratório de Engenharia Celular do Hemocentro de Botucatu. A validação realizada tem como objetivo o uso em citometria de fluxo com marcação com isotiocianato de fluoroceína e em imunohistoquímica testando pela tecnologia de Tissue array em colaboração com Departamento de Patologia do HC-FMB/UNESP.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Marjorie de Assis Golim - Integrante / Luciandro Sodré - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 1

  • 2007 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais anti-Taenia Saginata, Descrição: Projeto em parceria com professora Cáris Nunes da UNESP de Araçatuba.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Josy Campanhã Vicentini - Integrante / Caris Maroni - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1

  • 2005 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais de Uso Hemoterápico, Descrição: Trata-se da otimização de clones existentes e da produção de novos clones para uso em hemoterapia. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Especialização: (1) / Mestrado profissional: (3) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Marina de Souza - Integrante / Daniel Bassetto Jesuíno - Integrante / Elaine Navarro - Integrante / Aparecida Vitória G. Souza - Integrante., Financiador(es): Agência Nacional de Vigilância Sanitária - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 8

  • 2005 - 2007

    Construção de Área limpa e Laboratório Classificado NB3 para a produção de anticorpos monoclonais anti-RSV, Descrição: A construção de área limpa classificada 10.000 e de um laboratório de contenção de nivel 3 de segurança - NB3 trata-se de uma proposta cooperada dentro do Genoma Vírus financiado pela Fapesp sob a coordenação da Profa. Dra. Maria Inês de Moura Campos Pardini. O Laboratório de Engenharia celular obteve esta área física contemplada dentro do compromisso do desenvolvimento de anticorpos monoclonais anti proteína F do RSV ( vírus sincicial respiratório) responsável por enfermidades graves em crianças no mundo todo. A proposta é a produção do anticorpo monoclonal a partir da proteína F pruduzida por tecnologia recombinante pelo grupo cooperado do Genoma Vírus.. , Situação: Desativado; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (2) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Maria Inês de Moura Campos Pardini - Coordenador / Andrei Moroz - Integrante / Marina de Oliveira - Integrante / Elaine Navarro - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2005 - 2006

    Desenvolvimento de Insumos estratégicos para acompanhamento de pacientes com AIDS - UNESCO, Descrição: Monoclonal antibodies (mAbs) are identical because they were produced by one type of immune cell. Antigen is injected into mice some of the immune system B-cells will turn into plasma cells and start to produce antibodies. B-cells from mice spleen are removed and fused with myeloma tumor cells (NS1) that grow indefinitely in culture originating hybridomas. These are cloned, so that one obtains a number of different colonies, each producing only one type of antibody. When the clone cells are injected in the peritoneal cavity mice, they produce tumors containing an antibody-rich fluid called ascitic fluid. The purpose of the development of these mAbs is for application to the differential diagnosis of B-cell disorders. Patient Cells with B-cell chronic lymphocytic leukemia were immunophenotyping by flow cytometry (FC) for determination of the immunogens (human lymphocyte B - HLB). Peripheral blood mononuclear cells were isolated from whole blood samples using density gradient centrifugation. Twenty-five BALB/c mice were immunized intraperitoneally with HLB. The spleen was removed, a cell suspension produced was fused using polyethylene glycol with NS1/HLB cells and plated out into HAT-selective growth medium. The cultures were incubated for approximately until significant colony growth was apparent. The hybrids supernatant culture that demonstrated a better performance were collected and tested by FC (screening) for the presence of the appropriate mAbs. Cells from positive wells were single-cell cloned. Screening was repeated for the confirmation of the especificity of mAb, proceeded in vivo expansion for attainment from high-titered solution of mAb - ascitic fluid. The cellular fusion resulted in 1248 hybridomas, of which 22 were positive by FC and subsequently cloned resulting 29 clones. These 29 tested by FC staining 20 were strongly positive, so that the clone cells are injected in 100 mice to produced ascitic fluid.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Marjorie de Assis Golim - Integrante / Renata Bittencourt - Integrante / Marina Oliveira - Integrante., Financiador(es): Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais em Hemoterapia, Descrição: O projeto intitulado Produção e Validação de reagentes monoclonais para uso Hemoterápico foi apresentado a Agência Nacional de Vigilância Sanitásria - ANVISA, recebendo parecer favorável tendo sido efetuado convênio com a Fundação para o Desenvolvimento Médico Hospitalar - FAMESP, conênio 030/2004 para o repasse de recursos financeiros que viabilizarão até meados de 2006 o registro de anticorpos monoclonais produzidos e validados no Brasil. Coordenador do Projeto. Alunos envolvidos: Iniciação científica 2, especialização 1 e mestrado 2.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante / Andrei Moroz - Integrante / Carlos Tognolli - Integrante / Débora Botéquio - Integrante., Financiador(es): Agência Nacional de Vigilância Sanitária - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 7 / Número de orientações: 3

  • 2004 - 2008

    Produção e validação de Anticorpos monoclonais de uso Médico, Descrição: Durante o treinamento de recursos humanos de áreas estratégicas do país (Piauí, Acre) identificamos o grave problema de fornecimento de material diagnóstico em pequena quantidade para áreas distantes, muito quentes, cujo forncedor coloca preço proibitivo para os insumos, obrigando muitas vezes o serviço a usar insumos vencidos. Com objetivo de registrar insumos junto à anvisa, propusemos este projeto, cujos produtos obtidos, validados e registrados serão disponibilizados para as áreas brasileiras com menor recursos financeiro, com intuito de garantir uma transfusão eficaz e segura em qualquer ponto de território brasileiro. O projeto foi submetido ao CNPq tendo sido aprovado. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Rita de Cássia Alvarado - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 34 / Número de orientações: 12

  • 2003 - 2010

    Desenvolvimento de cola de fibrina home made para uso tópico, Descrição: Trata-se da obtenção de cola de fibrina a partir de plasma excedente. Este projeto contém etapas intermediárias, entre elas, a fase devalidação do plasma excedente através das determinações de Fatores V, VIII, IX, XIII, fibrinogênio, fibronectina, PDGF e VEGF. Outra etapa configura-se com a purificação da trombina humana. A terceira etapa é a formação da cola de fibrina home made, considerado hemocomponente de uso tópico. Tal hemocomponentes, oiu biocurativo vem sendo aplicado, com a respectiva autorização do CONEP em seres humanos para a cicatrização de feridas crônicas de etiologia venosa.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado profissional: (4) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Danielle Morais - Integrante / Illymach Canedo Ferreira de Araújo - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante., Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 4

  • 2002 - 2004

    Uso de Biocurativo nas úlceras de pressão, Descrição: Produção de biocurativo: constituição de pasta dermatológica modificada e enriquecida com proteínas humanas concentradas oriundas da preparação de crioprecipitado. Esta pasta foi enriquecida com altas concentrações de fibrinogêncio, fibronectina, vit A, flavonóides, Vit. C, entre outros elementos anti-oxidantes e testados em animais e posteriormente à aprovação do Conep, foi usada para a cicatrização de úlceras de pressão em pacientes cujo tratamento clássico não cicatrizava a lesão. Trata-se de obtenção de cola de fibrina home made, de origem integralmente humana.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Marla Andréia Garcia - Integrante / Gilsara Alves - Integrante., Número de orientações: 1

  • 2001 - Atual

    Estruturação ex-vivo de vasos sanguíneos a partir da diferenciação de células tronco de coelhos, Descrição: A doença arterial obstrutiva periférica está presente em 5% da população e em cerca de 20 a 30% dos casos pode evoluir para amputação do membro inferior acometido, mesmo com os tratamentos hoje existentes. Por isso, justifica-se a busca por novas técnicas para controle da evolução da doença. Pesquisas recentes envolvendo células tronco e engenharia celular apontam para um futuro promissor com base na terapêutica regenerativa e substitutiva de tecidos. A terapia celular é um ramo da medicina regenerativa e consiste em três vertentes terapêuticas: condutiva, a qual se refere ao re-estabelecimento autônomo das células através de estímulo externo; indutiva, em que fatores de crescimento são adicionados à célula para que esta se regenere. As células-tronco perfazem a terceira vertente e são utilizadas na terapia celular para regeneração tecidual. O desafio deste estudo está relacionado a terceira vertente acima mencionada, focalizando o aprimoramento das técnicas de engenharia celular, com a finalidade de produzir um substituto arterial autólogo in vitro, utilizando células tronco mesenquimais (CTM) de tecido adiposo de coelho que serão cultivadas sob um ?scaffold?e/ou biomaterial descelularizado. Em seguida, estas CTM serão diferenciadas em tecido endotelial e tecido muscular liso de forma a mimetizar a parede do vaso sanguíneo. Futuramente, esse modelo poderá vir a ser aplicado em enxertos vasculares (by-pass) que atualmente se faz através do uso da veia safena magna autóloga ou com o uso de próteses sintéticas inorgânicos, as quais podem provocar a rejeição. Dessa forma, espera-se contribuir para o desenvolvimento de novas alternativas para o tratamento dos pacientes portadores de insuficiência arterial.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 1999 - 2002

    Produção de Anticorpos Monoclonais Anti-produto de degradação do fibrinogênio/fibrina humano, Descrição: O processo hemostático para a formação do trombo é iniciado um complexo de substância denomiadas ativadores da protrombina que fará a conversão desta em trombina. Por sua vez, a trombina age sobre a molécula de fibrinogênio convertendo-o em fibrina. As novas técnicas de engenharia celulares avançaram muito nas últimas décadas. Entre os avanços destaca-se a produção de anticorpos monoclonais murinos (AcMm) e humanos segundo Köhler e Milstein(1975). Os hemoderivados obtidos através de AcMm possuem uma qualidade inquestionável quanto à pureza sendo a maioria obtida somente no mercado internacional. A obtenção de AcMm contra o produto de degradação fibrinogênio/fibrina humano terá sua utilização nas rotinas laboratoriais contribuindo para o diagnóstico de inúmeras patologias. Camundongos Balb/c foram imunizados com: crioprecipitado ( protocolo ROSOB), fibrinogênio purificado pelo método de Kazal e cols. modificado ( protocolo CRIS), fibrinogênio comercial ( protocolo FIB), fragmento D comercial ( protocolo DIM). As células esplênicas do animal imunizado foram fusionadas com células mielomatosas NS1-1 e os híbridos foram selecionados levando em consideração os apectos genéticos HGPRT negativos do mieloma e positivo das células híbridas. Os anticorpos obtidos foram testados pela técnica ELISA, dot blot, testes de inibição e caractereizados por imunoblotting, sendo que o peso molecular da proteína que cada anticorpo reconhecia foi determinado após análise por imagem comparativa (VDS)-Amersham Pharmacia Biotech. As classes e sub-classes de imunoglobulinas foram determinadas pelo método de imunodifusão radial e confirmadas por citometria de fluxo.A monoclonalidade foi estabelecida pela eletroforese em gel de agarose. Os anticorpos obtidos reconhecem produtos de degradação do fibrionogênio: anti-produto de degradação do fagmento Y ( anticorpo reconhecendo proteínas de PM 50.700 e 40.300 daltos) e anti- fragmento D ( anticorpo reconhecendo proteína de PM= 32.400 dalton.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Cristiane Aparecida Ferino - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 1996 - 2001

    Produção de Anticorpos Monoclonais anti-Fator VIII da coagulação, expansão clonal e domínio da tecnologia de produção em larga escala, Descrição: CONTROLE DE QUALIDADE DE HEMODERIVADOS: QUALIDADE DE VIDA DO HEMOFÍLICO. Deffune, Elenice, Ferreira-Rossi, Rosana, Guimarães, Fátima Regina e Machado, Paulo Eduardo de Abreu. Hemocentro de Botucatu-Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina-UNESP. O desenvolvimento de talentos na área da saúde para o atendimento universal, multiprofissional e de qualidade para os hemofílicos é um dos desafios das últimas décadas.Envolvidos em processos dolorosos mundiais, fruto de utilização de produtos lábeis ou hemoderivados de padrão questionáveis, os hemofílicos foram assolados pelo HIV. O esforço biotecnológico mundial trouxe excelentes resultados obtendo produtos cada vez mais puros, específicos e viro-inativados. No entanto, estes produtos distribuídos no mundo todo, nem sempre tem seu transporte com a cadeia de frios que necessitam e podem ser alterados, prejudicados e mesmo ter total ineficácia terapêutica. Preocupados com a falta de controle pós-compra elaboramos um projeto de produção de anticorpos monoclonais murinos (AcMm) dirigidos contra fator VIII da coagulação com o intuito de obter uma ferramenta tecnológica para controle e validação dos produtos, antes da liberação para uso terapêutico em cada serviço. Os AcMm foram obtidos após a imunização de um grupo de camundongos, por via intraperitoneal, com FVIII natura cuja fonte foi crioprecipitado com intervalo de 21 dias entre as injeções. Após 45 dias retiramos o baço dos animais, recuperamos as células esplênicas e fusionamos as mesmas com células de mieloma murino segundo o método descrito por Köhler & Milstein (1975). Após o processo de fusão, os hibridomas foram distribuídos em placas de cultura e os híbridos viáveis foram retidos e testados quanto à sua especificidade. Os híbridos considerados de alta reatividade foram clonados e estabilizados durante os 4 primeiros meses de cultura, depois expandidos in vitro (cultura) e in vivo.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante., Financiador(es): Financiadora de Estudos e Projetos - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 2

  • 1996 - 1998

    Estudo dos Antígenos Leucocitários Suínos e Tolerização objetivando Xanotransplante., Descrição: A crescente demanda de órgãos para transplantes versus a também crescente dificuldade em obter órgãos para os referidos transplantes tem aumentado a fila de espera, o que tem determinado, só no estado de São Paulo, um grande número de óbitos. Para contribuir com o avanço tecnológico e produzir marcadores que propiciarão no futuro o monitoramento de prováveis órgãos oriundos de animais preparados para transplantes de órgãos, estabelecemos protocolos de obtenção e caracterização de anticorpos monoclonais murinos dirigidos contra antígenos eritrocitários de suínos Large White.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Alexandre Krause - Integrante / Ana Paula Ehrandt Oliveira - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1

  • 1994 - 1998

    Expansão clonal de anti-A, anti-B e anti-AB para uso em bancada, Descrição: Após a implantação do Laboratório de produção de anticorpos Monoclonais murinos a Divisão Hemocentro inciou uma nova fase de produção de insumos por biotecnologia. Os anticorpos anti-A, anti-B e anti-AB para a tipagem sangüínea rotineira foi validado por testes em paralelo com duas diferentes fontes comerciais de reagentes, obtendo desempenho superior numa amostragem de mais de 100.000 tipagens sangüíneas. Uma vez validados, entrou-se na fase de expansão clonal e produção de lotes de reagentes para uso interno em bancada, sem comercilização. Desta forma, isentos de registro no Ministério da Saúde.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Fátima Regina Guimarães - Integrante / Tania Rosalem - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 5

  • 1994 - 1998

    Produção de Anticorpos monoclonais dirigidos contra antígenos eritrocitários humanos, Descrição: Utilizando o avanço tecnológico da engenharia celular, implantamos no hemocentro de Botucatu o laboratório de produção de Anticorpos Monoclonais com objetivo claro de produzir insumos para a bancada da hemoterapia. Este objetivo era calcado na c]necessidade do serviço utilizar insumos de origem biotecnológico, mais seguros, mais precisos, porem de alto custo. Tendo em vista o término do contrato com a Universidade, este projeto teve continuidade com a contratação da pesquisadora, pelas regras CLT, para não haver descontinuidade do mesmo. Vários sub-produtos deste projeto inicial dão margem hoje à outras teses de mestrado e doutorado.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (4) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Tânia Rosalem - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 10 / Número de orientações: 6

  • 1993 - 1994

    Obtenção, Caracterização e Validação de anticorpos monoclonais anti-A, anti-B e anti-AB, Descrição: Em 1992, com a implantação do laboratório de produção de anticorpos monoclonais, a linha mestra de pesquisa ficou estabelecida como sendo a produção de anticorpos monoclonais dirigidos contra antígenos eritrocitários humanos que viessem após a padronização, validação e registro, substituir os reagentes de bancada vigentes naquela época no país, na sua maior parte, de origem policlonal. A origem mencionada dos anticorpos largamente comercializados no país, é humana, o que confrontava e confronta com a constituição federal que proíbe comercialização dos sangue e de seus derivados. Com intuito de obter anticorpos melhores para uso em bancada, respeitar a constituição brasileira e por questões de biossegurança, melhorar a qualidade de vida dos trabalhadores dos laboratórios de imunohematologia, os três mais usados anticorpos de uso imunohematolõgico foram produzidos.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 3

  • 1992 - 1993

    Implantação da Tecnologia de Produção de Anticorpos Monoclonais, Descrição: Depois de mestrado e doutorado na área de biotecnologia aplicada à transfusão, com teses realizadas no Institut National de Transfusion Sanguine de Paris/ Université Pierre et Marie Curie/Paris VI/França, o desafio foi a implantação do laboratório de engenharia celular voltado à produção de anticorpos monoclonais murinos para uso em bancada com fins hemoterápicos. Em meados de abri/maio de 1992 começou a tramitação na universidade para que pudesse me submeter ao concurso para a vaga de pesquisadora. Tão logo isto foi possível, com o despacho do reitor publicado 27/5/1992, processo 1011-92-FM-Bo, dei início à implantação dom referido laboratório. Inicialmente realizei uma auditoria para analisar as práticas laboratoriais e as condições de biossegurança e técnicas. Esta auditoria levou à implantação do grupo, que posteriormente se tornou Comitê de Biossegurança, Qualidade e Bioética, para a padronização dos procedimentos e adequação dentro de padrões interncaionais de qualidade. A grande dificuldade incial foi a aquisição de nitrogênio líquido para a manutenção dos clones a serem produzidos. Em dezembro de 1992 consegui obter o primeiro sucesso em cultura celular, após vários problemas, todos ligados às deficiêcnias de infra-estrutura e treinamentoi de equipe. O investimento inicial para equipar o laboratório vieram fundamentalmente da Secretaria Estadual de Saúde e FINEP.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (4) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Tânia Rosalem - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante., Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2017 - Atual

    Lisado de hemácias humanas: análise da estabilidade dos diferentes antígenos, Descrição: A transfusão de sangue tem uma série de análises imunológicas obrigatórias, entre elas a tipagem sanguínea, prova de compatibilidade e pesquisa de anticorpos irregulares. Este último exame utiliza-se de um mini painel de hemácias fenotipadas para a identificação de prováveis alo-anticorpos presentes no soro do paciente que será transfundido. Esta análise demora em média de 30 a 45 minutos e é de leitura subjetiva ( observador dependente). Neste projeto avaliar-se-ão técnicas de produção de lisado membranário para a composição de imunossensores que reduzam o tempo de análise ao máximo 5 minutos e torne a leitura objetiva ( por software) e interfaceável de forma digital com os sistemas de prontuários eletrônicos. Com isto, espera-se diminuir o tempo de preparo da transfusão de sangue, a sensibilidade do teste, a rastreabilidade do mesmo, e minimizar o erro de transcrição de resultados.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (0) Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thays Neto - Integrante / Ivana Cesarino - Integrante / Ligia Mayumi Abe - Integrante / Martin Leme - Integrante.

  • 2014 - 2017

    NEOFORMAÇÃO ÓSSEA: RETALHO DE GÁLEA E PERIÓSTEO PREENCHIDO COM CÉLULAS TRONCO MESENQUIMAIS. ESTUDO EM COELHO., Descrição: Trata-se do trabalho de doutorado da aluna Ryane Schmidt Brock, orientada do Prof. Fausto Viterbo, sendo que a parte da dissociação, expansão e caracterização das CTM de tecido adiposo são feitas em colaboração com o Laboratório de Engenharia Celular.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (0) Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Fausto Viterbo - Coordenador / Ryane Schmidt Brock - Integrante / Camila Juliane Sena Maleski - Integrante.

  • 2013 - Atual

    TRANSPLANTE TRAQUEAL EM RATOS UTILIZANDO TÉCNICAS DE RECONSTITUIÇÃO DE VIA AÉREA HOMÓLOGA COM CÉLULAS AUTÓLOGAS POR ENGENHARIA TECIDUAL, Descrição: A utilização de matriz extracelular como suporte biológico possui a vantagem e poder ser recelularizada com células do receptor. A recelularização do suporte biológico (matriz extracelular) é realizada por células autólogas cultivadas (epitélio respiratório) e condrócitos. Fundamentados na hipótese de que a reconstituição da via aérea homóloga com células autólogas utilizando-se técnica de engenharia tecidual é exequível, desenhamos um estudo experimental como objetivo de avaliar a viabilidade dos enxertos traqueais descelularizados e recelularizados em um modelo experimental de transplante traqueal em ratos.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento.

  • 2013 - Atual

    ESTUDO DAS PROPRIEDADES VISCOELÁSTICAS DE TRAQUEIAS RECONSTRUÍDAS POR ENGENHARIA DE TECIDOS UTILIZANDO UM AMBIENTE DE AVALIAÇÃO DE MECÂNICA RESPIRATÓRIA POR IMAGEM., Descrição: O presente estudo experimental tem por objetivo avaliar as propriedades mecânicas de traqueias in vitro, comparando o comportamento de traqueias normais de ratos versus traqueias descelularizadas e recelularizadas por engenharia tecidual. Para tal, será utilizado uma nova instrumentação composta de ambiente de processamento de imagens e condicionamento/estimulação de tecidos, desenvolvidos recentemente no Laboratório de Engenharia Biomédica-Escola Politécnica-USP. Tal tecnologia é inédita e as análises preliminares da mecânica de traqueias descelularizadas, recelularizadas e normais, demonstram a capacidade do equipamento em executar as medidas de interesse... , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristine Evaristo - Integrante / Paulo Francisco Guerreiro Cardoso - Integrante / Daniele Cristina Cataneo - Integrante / Henrique Takachi Moriya - Integrante.

  • 2013 - Atual

    AVALIAÇÃO DA REOLOGIA DAS CÉLULAS TRAQUEAIS ISOLADAS ATRAVÉS DA CITOMETRIA MAGNÉTICO ÓPTICA DE OSCILAÇÃO (OMTC), Descrição: A confecção de neotraquéia a partir de engenharia tecidual combina processos de descelularização de aloenxertos traqueais com subsequente recelularização do enxerto. A engenharia de tecidos permite que as traquéias descelularizadas possam ser recelularizadas com condrócitos diferenciados a partir de cultura de células-tronco mesenquimais de tecido adiposo e células epiteliais respiratórias (CERs) obtidas do próprio receptor. Apesar da similaridade do epitélio respiratório e da musculatura lisa produzidos por técnicas de engenharia tecidual, pouco se sabe sobre as possíveis alterações do citoesqueleto destas células geradas em cultura, bem como seu impacto nas propriedades mecânicas intrínsicas da traquéia própriamente dita. O objetivo do presente estudo é o de avaliar-se o comportamento da microreologia celular da traquéia in vitro através da OMTC comparando-se células cultivadas à partir de traquéias normais com células utilizadas para a recelularização traqueal... , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thaiane Cristine Evaristo - Integrante / Paulo Francisco Guerreiro Cardoso - Integrante / Adriano Alencar - Integrante.

  • 2012 - Atual

    Estudo Multicêntrico do uso de Biocurativo no tratamento de feridas crônicas, Descrição: O Laboratório de Engenharia Celular, vem desde 2001 mantendo linha de pesquisa na área de curativos bioativos, denominados de Biocurativos. Atualmente, 3 produtos já foram validados em fase clínica I (humanos) sob aprovação do CONEP. Com o objetivo de avaliar a experiência de outros centros brasileiros com o uso dos produtos aqui desenvolvidos, delineou-se este projeto com a participação de 3 diferentes estados brasileiros.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Coltrim, OS - Integrante.Financiador(es): Fundo Nacional de Saúde Ministério da Saúde - Auxílio financeiro.

  • 2010 - 2012

    IMPLANTE DE CÉLULAS-TRONCO MESESENQUIMAIS AUTÓLOGAS ASSOCIADAS AO PRP EM TENDINITES EXPERIMENTAIS EM EQUINOS, Descrição: A tendinite do flexor digital superficial (TFDS) é uma das lesões mais comuns em eqüinos de alto desempenho, acarretando em uma significante morbidade e grande perda econômica na indústria eqüestre. Existem vários tipos de tratamentos descritos na literatura, que têm contribuído de forma significativa para o restabelecimento da morfo-fisiologia do tendão. No entanto há um campo fértil para inovar e melhorar a qualidade da matriz extracelular da estrutura tendínea. Com o advento da biotecnologia, a medicina regenerativa vem evoluindo significativamente e já existem trabalhos promissores no emprego de terapia celular e implante de plasma rico em plaquetas (PRP) na tendinite eqüina. Este trabalho tem como objetivo o implante autólogo de células-tronco mesenquimais (CTM) derivadas do tecido adiposo associada ao PRP em um dos membros torácicos de eqüinos com TFDS, que será induzida pelo emprego da colagenase. Os animais serão avaliados por parâmetros clínicos, exames de ultrassonografia, doppler-sonografia e após as biópsias a serem realizadas no 40o dia para avaliação do homing celular, ou seja, transporte dessas células do membro implantado (tratado) para o membro contralateral (controle); e no 150o dia do experimento, serão verificadas as características histológicas, imunoistoquímicas e avaliação da expressão gênica tendínea. Resumo em Inglês Objetivos 1. Objetivos gerais 1.1 Avaliação da eficácia da associação das células-tronco mesenquimais derivadas do tecido adiposo e o plasma rico em plaquetas na reparação tecidual do tendão. 1.2 Monitoramento das células-tronco autólogas inoculadas (homing celular), através da expressão das CTM marcadas com nanocristal quantum dot (Qtraker 655®). 2. Objetivos específicos 2.1 Caracterização imunofenotípica da superfície das células-tronco mesenquimais utilizando os marcadores CD44, CD90. 2.2 Avaliação do efeito do tratamento frente a parâmetros clínicos do aparelho locomotor eqüino. 2.3 Avaliação do efeito do tratamento f. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento.

  • 2009 - 2011

    Produção de materiais nanoparticulados para processos baseados em imunocitoquímica, Descrição: PROJETO MULTICENTRICO SOB A COORDENAÇÃO PROF. SIDNEY RIBEIRO: Este projeto tem como meta principal a formação de uma rede internacional multidisciplinar envolvida na formação de mão de obra qualificada na área de nanomateriais com aplicação em medicina (4 doutores, 8 estágios de pós-doutoramento e estágios de estudantes de graduação). Os objetivos intermediários científicos a serem atendidos podem ser definidos como: -preparação de nanopartículas de óxidos de silício, alumínio, polímeros, contendo compostos luminescentes orgânicos e/ou de íons lantanídeos para calibração de citômetros de fluxo; -Validar aumento de vida de prateleira e sustentabilidade do produto sem proteção à luz em comparação com os produtos comerciais; -Isolamento de anticorpos monoclonais (ex. anti-linfócito B, anti-linfocito T, anti-leucócito, anti-mesenquimal) e acoplamento à nanopartículas magnéticas (ex. cobalto) para separação celular por seleção magnética positiva e negativa de populações celulares específicas*; -Desenvolvimento e caracterização de nanopartículas biodegradáveis luminescentes, e nanopartículas contendo quimioterápicos, ambas funcionalizadas por anticorpos monoclonais específicos; -Avaliação da capacidade de internalização de nanopartículas luminescentes funcionalizadas com mAbs anti-linfócitos B; -Estudo dinâmico de morte celular, in vitro, com co-cultivo de linhagem de linfoma B em presença de nanopartículas biodegradáveis funcionalizadas por anticorpos monoclonais anti-linfocitos B e também contendo quimioterápicos; -Realizar o seqüenciamento molecular da região dos clones codificadora das imunoglobulinas de interesse, de modo a se deter a originalidade, característica vinculada à patenteabilidade do produto. * corresponde às atividades a serem desenvolvidas na UNESP-BOTUCATU JUSTIFICATIVA PARA IMPLEMENTAÇÃO DO PROJETO: Este projeto visa a formação de uma rede interdisciplinar envolvendo químicos, físicos, biólogos, engenheiros químicos, biomédicos. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Priscila Murador - Integrante / Flávia Cilene Alves - Integrante / Michele Valério - Integrante.Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.

  • 2009 - 2011

    Proposta de modelo experimental de neotraquéia em coelho utilizando técnicas de engenharia de tecidos, Descrição: Injúrias traqueais são problemas na prática cirúrgica, pois apresentam dificuldades no tratamento. A engenharia tecidual (ET) consiste na regeneração de órgãos, através do recrutamento de tecidos do paciente, dissociados em células que são cultivadas sobre suportes biológicos ou sintéticos, para serem reinseridos no paciente; sendo a única técnica para substituição traqueal que fornece promessa real. A ET já tornou possível a substituição traqueal em paciente que apresentava estenose traqueobrônquica melhorando a qualidade de vida. Assim é possível construir uma neotraquéia com propriedades mecânicas que permitem a fisiologia normal, sem riscos de rejeição, provando que, células autólogas combinadas com biomateriais apropriados podem fornecer soluções funcionais em situações cirúrgicas complexas. O maior desafio é construir por meio de técnicas de ET uma via respiratória funcional que seja uniforme e altamente eficiente na cultura celular na superfície externa e interna da matriz tubular tridimensional, co-cultivando diferentes tipos celulares. Estabelecer um protocolo de modelo experimental de neotraquéia sobre uma estrutura tridimensional autóloga recobrindo-a externamente com o tecido cartilaginoso e internamente com epitélio respiratório é o desafio deste projeto.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado profissional: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Sérgio Felisbino - Integrante / Thaiane Cristina Evaristo - Integrante / Flávia Cilene Alves - Integrante / Raul Ruiz Junior - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2011

    Estudo comparativo de Gel de Plaquetas home made versus Hidrocolóide no processo de cicatrização de úlceras crônicas de etiologia venosa, Descrição: A úlcera de extremidades de membros inferiores representa uma patologia com alta incidência e prevalência afetando de 1 a 3% da população nos países em desenvolvimento. A etiologia vascular é a principal causa com 75 a 90% dos casos. A úlcera venosa dos membros inferiores é um problema comum nos países ocidentais, causando significante impacto socioeconômico. Diversos tipos de curativos têm sido desenvolvidos e estão disponíveis no mercado, sendo o acesso aos mesmos, limitado. Entre os diferentes curativos no mercado aqueles com fatores de crescimento usam mediadores biológicos naturais caracterizados como peptídeos com receptores teciduais. O Hemocentro de Botucatu vem desenvolvendo um hemocomponente de uso tópico a partir de produto excedente da pratica transfusional: plasma fresco congelado e concentrado de plaquetas(CP). As moléculas sinalizadoras (fatores de crescimento) solúveis, presentes no CP são integrantes fundamentais da nova apresentação denominada Gel de Plaquetas ou Biogel. Este produto favorece a migração, a proliferação e a diferenciação celular contribuindo para a modulação da resposta cicatricial. Este trabalho se propõe a aprimorar o gel de plaquetas laminar (Biogel), tendo em vista que a degranulação das plaquetas levam à liberação de inúmeros fatores: do aracdonato, prostaglandina PGE2, tromboxano (TXA), fator de agregação plaquetária (PAF), fator de crescimento derivado de plaquetas (PDGF) e vascular endotelial (VEGF) além daqueles derivados de fibroblastos (FGF), fator epidermal (EGF), e do fator transformador de crescimento β (TGF-β). Além de padronizar a dose-aplicação, esta pesquisa propõe comparar o desempenho do Biogel com o Hidrocolóide existente no mercado.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento.

  • 2007 - 2010

    Avaliação de aspectos fisiológicos e cinéticos chaves do cultivo de hibridomas para produção de imunoglobulinas de uso hemoclassificatório, Descrição: : O objetivo desta pesquisa é avaliar as características fisiologicas e cinéticas de três hibridomas visando o desenvolvimento de um bioprocesso para produção otimizada de três anticorpos monoclonais a serem utilizados na tipagem sanguínea pelo sistema ABO, os quais são atualmente importados pelo sistema de saúde Brasileiro. Os hibridomas serão cultivados em escala de laboratório em duas etapas. Na primeira, os cultivos serão realizados em frascos spinner para conhecer várias características fisiológicas dos hibridomas que permitam identificar parâmetros relativos ao cultivo passíveis de melhora como comosião do meio de cultura, temperatura, pH e oxigenação. Numa segunda etapa, tendo melhorado as condições de cultivo dos hibridomas, serão feitos experimentos em biorreator de aprox. 1L para a obtenção de dados sobre cinética de crescimento e de produção dos anticorpos monoclonais. De posse das informações obtidas nas duas etapas será feito uma análise de engenharia de processo para definir estratégias de operação do biorreator que conduzam a altas produtividades dos anticorpos monoclonais que deverão ser validadas em experimentos de cultivo no mesmo biorreator. Os resultados finais obtidos serão utilizados para o delineamento de um bioprocesso para produção em escala piloto de cada anticorpo monoclonal. Os estudos de aumento de escala (industrial) serão deixados para uma pesquisa posterior, uma vez que os custos para este tipo de estudo são bem maiores. Os resultados da pesquisa são do interesse da Empresa Brasileira de Hemoderivados e Biotecnologia (Hemobras), co-participe desta pesquisa.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Suazo, CAT - Coordenador.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2007 - 2009

    Caracterização de anticorpos monoclonais anti-CD45, Descrição: Este projeto tem como objeto a caracterização e validação de clones anti-CD45 obtidos pelo Laboratório de Engenharia Celular do Hemocentro de Botucatu. A validação realizada tem como objetivo o uso em citometria de fluxo com marcação com isotiocianato de fluoroceína e em imunohistoquímica testando pela tecnologia de Tissue array em colaboração com Departamento de Patologia do HC-FMB/UNESP.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Marjorie de Assis Golim - Integrante / Luciandro Sodré - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 1

  • 2007 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais anti-Taenia Saginata, Descrição: Projeto em parceria com professora Cáris Nunes da UNESP de Araçatuba.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Josy Campanhã Vicentini - Integrante / Caris Maroni - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1

  • 2005 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais de Uso Hemoterápico, Descrição: Trata-se da otimização de clones existentes e da produção de novos clones para uso em hemoterapia. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Especialização: (1) / Mestrado profissional: (3) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Marina de Souza - Integrante / Daniel Bassetto Jesuíno - Integrante / Elaine Navarro - Integrante / Aparecida Vitória G. Souza - Integrante.Financiador(es): Agência Nacional de Vigilância Sanitária - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 8

  • 2005 - 2007

    Construção de Área limpa e Laboratório Classificado NB3 para a produção de anticorpos monoclonais anti-RSV, Descrição: A construção de área limpa classificada 10.000 e de um laboratório de contenção de nivel 3 de segurança - NB3 trata-se de uma proposta cooperada dentro do Genoma Vírus financiado pela Fapesp sob a coordenação da Profa. Dra. Maria Inês de Moura Campos Pardini. O Laboratório de Engenharia celular obteve esta área física contemplada dentro do compromisso do desenvolvimento de anticorpos monoclonais anti proteína F do RSV ( vírus sincicial respiratório) responsável por enfermidades graves em crianças no mundo todo. A proposta é a produção do anticorpo monoclonal a partir da proteína F pruduzida por tecnologia recombinante pelo grupo cooperado do Genoma Vírus.. , Situação: Desativado; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (2) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Maria Inês de Moura Campos Pardini - Coordenador / Andrei Moroz - Integrante / Marina de Oliveira - Integrante / Elaine Navarro - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2005 - 2006

    Desenvolvimento de Insumos estratégicos para acompanhamento de pacientes com AIDS - UNESCO, Descrição: Monoclonal antibodies (mAbs) are identical because they were produced by one type of immune cell. Antigen is injected into mice some of the immune system B-cells will turn into plasma cells and start to produce antibodies. B-cells from mice spleen are removed and fused with myeloma tumor cells (NS1) that grow indefinitely in culture originating hybridomas. These are cloned, so that one obtains a number of different colonies, each producing only one type of antibody. When the clone cells are injected in the peritoneal cavity mice, they produce tumors containing an antibody-rich fluid called ascitic fluid. The purpose of the development of these mAbs is for application to the differential diagnosis of B-cell disorders. Patient Cells with B-cell chronic lymphocytic leukemia were immunophenotyping by flow cytometry (FC) for determination of the immunogens (human lymphocyte B - HLB). Peripheral blood mononuclear cells were isolated from whole blood samples using density gradient centrifugation. Twenty-five BALB/c mice were immunized intraperitoneally with HLB. The spleen was removed, a cell suspension produced was fused using polyethylene glycol with NS1/HLB cells and plated out into HAT-selective growth medium. The cultures were incubated for approximately until significant colony growth was apparent. The hybrids supernatant culture that demonstrated a better performance were collected and tested by FC (screening) for the presence of the appropriate mAbs. Cells from positive wells were single-cell cloned. Screening was repeated for the confirmation of the especificity of mAb, proceeded in vivo expansion for attainment from high-titered solution of mAb - ascitic fluid. The cellular fusion resulted in 1248 hybridomas, of which 22 were positive by FC and subsequently cloned resulting 29 clones. These 29 tested by FC staining 20 were strongly positive, so that the clone cells are injected in 100 mice to produced ascitic fluid.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Marjorie de Assis Golim - Integrante / Renata Bittencourt - Integrante / Marina Oliveira - Integrante.Financiador(es): Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura - Auxílio financeiro.

  • 2004 - 2009

    Produção de Anticorpos Monoclonais em Hemoterapia, Descrição: O projeto intitulado Produção e Validação de reagentes monoclonais para uso Hemoterápico foi apresentado a Agência Nacional de Vigilância Sanitásria - ANVISA, recebendo parecer favorável tendo sido efetuado convênio com a Fundação para o Desenvolvimento Médico Hospitalar - FAMESP, conênio 030/2004 para o repasse de recursos financeiros que viabilizarão até meados de 2006 o registro de anticorpos monoclonais produzidos e validados no Brasil. Coordenador do Projeto. Alunos envolvidos: Iniciação científica 2, especialização 1 e mestrado 2.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante / Andrei Moroz - Integrante / Carlos Tognolli - Integrante / Débora Botéquio - Integrante.Financiador(es): Agência Nacional de Vigilância Sanitária - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 7 / Número de orientações: 3

  • 2004 - 2008

    Produção e validação de Anticorpos monoclonais de uso Médico, Descrição: Durante o treinamento de recursos humanos de áreas estratégicas do país (Piauí, Acre) identificamos o grave problema de fornecimento de material diagnóstico em pequena quantidade para áreas distantes, muito quentes, cujo forncedor coloca preço proibitivo para os insumos, obrigando muitas vezes o serviço a usar insumos vencidos. Com objetivo de registrar insumos junto à anvisa, propusemos este projeto, cujos produtos obtidos, validados e registrados serão disponibilizados para as áreas brasileiras com menor recursos financeiro, com intuito de garantir uma transfusão eficaz e segura em qualquer ponto de território brasileiro. O projeto foi submetido ao CNPq tendo sido aprovado. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Rita de Cássia Alvarado - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 34 / Número de orientações: 12

  • 2003 - 2010

    Desenvolvimento de cola de fibrina home made para uso tópico, Descrição: Trata-se da obtenção de cola de fibrina a partir de plasma excedente. Este projeto contém etapas intermediárias, entre elas, a fase devalidação do plasma excedente através das determinações de Fatores V, VIII, IX, XIII, fibrinogênio, fibronectina, PDGF e VEGF. Outra etapa configura-se com a purificação da trombina humana. A terceira etapa é a formação da cola de fibrina home made, considerado hemocomponente de uso tópico. Tal hemocomponentes, oiu biocurativo vem sendo aplicado, com a respectiva autorização do CONEP em seres humanos para a cicatrização de feridas crônicas de etiologia venosa.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado profissional: (4) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Danielle Morais - Integrante / Illymach Canedo Ferreira de Araújo - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante., Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 4

  • 2002 - 2004

    Uso de Biocurativo nas úlceras de pressão, Descrição: Produção de biocurativo: constituição de pasta dermatológica modificada e enriquecida com proteínas humanas concentradas oriundas da preparação de crioprecipitado. Esta pasta foi enriquecida com altas concentrações de fibrinogêncio, fibronectina, vit A, flavonóides, Vit. C, entre outros elementos anti-oxidantes e testados em animais e posteriormente à aprovação do Conep, foi usada para a cicatrização de úlceras de pressão em pacientes cujo tratamento clássico não cicatrizava a lesão. Trata-se de obtenção de cola de fibrina home made, de origem integralmente humana.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Marla Andréia Garcia - Integrante / Gilsara Alves - Integrante.Número de orientações: 1

  • 2001 - Atual

    Estruturação ex-vivo de vasos sanguíneos a partir da diferenciação de células tronco de coelhos, Descrição: A doença arterial obstrutiva periférica está presente em 5% da população e em cerca de 20 a 30% dos casos pode evoluir para amputação do membro inferior acometido, mesmo com os tratamentos hoje existentes. Por isso, justifica-se a busca por novas técnicas para controle da evolução da doença. Pesquisas recentes envolvendo células tronco e engenharia celular apontam para um futuro promissor com base na terapêutica regenerativa e substitutiva de tecidos. A terapia celular é um ramo da medicina regenerativa e consiste em três vertentes terapêuticas: condutiva, a qual se refere ao re-estabelecimento autônomo das células através de estímulo externo; indutiva, em que fatores de crescimento são adicionados à célula para que esta se regenere. As células-tronco perfazem a terceira vertente e são utilizadas na terapia celular para regeneração tecidual. O desafio deste estudo está relacionado a terceira vertente acima mencionada, focalizando o aprimoramento das técnicas de engenharia celular, com a finalidade de produzir um substituto arterial autólogo in vitro, utilizando células tronco mesenquimais (CTM) de tecido adiposo de coelho que serão cultivadas sob um ?scaffold?e/ou biomaterial descelularizado. Em seguida, estas CTM serão diferenciadas em tecido endotelial e tecido muscular liso de forma a mimetizar a parede do vaso sanguíneo. Futuramente, esse modelo poderá vir a ser aplicado em enxertos vasculares (by-pass) que atualmente se faz através do uso da veia safena magna autóloga ou com o uso de próteses sintéticas inorgânicos, as quais podem provocar a rejeição. Dessa forma, espera-se contribuir para o desenvolvimento de novas alternativas para o tratamento dos pacientes portadores de insuficiência arterial.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 1999 - 2002

    Produção de Anticorpos Monoclonais Anti-produto de degradação do fibrinogênio/fibrina humano, Descrição: O processo hemostático para a formação do trombo é iniciado um complexo de substância denomiadas ativadores da protrombina que fará a conversão desta em trombina. Por sua vez, a trombina age sobre a molécula de fibrinogênio convertendo-o em fibrina. As novas técnicas de engenharia celulares avançaram muito nas últimas décadas. Entre os avanços destaca-se a produção de anticorpos monoclonais murinos (AcMm) e humanos segundo Köhler e Milstein(1975). Os hemoderivados obtidos através de AcMm possuem uma qualidade inquestionável quanto à pureza sendo a maioria obtida somente no mercado internacional. A obtenção de AcMm contra o produto de degradação fibrinogênio/fibrina humano terá sua utilização nas rotinas laboratoriais contribuindo para o diagnóstico de inúmeras patologias. Camundongos Balb/c foram imunizados com: crioprecipitado ( protocolo ROSOB), fibrinogênio purificado pelo método de Kazal e cols. modificado ( protocolo CRIS), fibrinogênio comercial ( protocolo FIB), fragmento D comercial ( protocolo DIM). As células esplênicas do animal imunizado foram fusionadas com células mielomatosas NS1-1 e os híbridos foram selecionados levando em consideração os apectos genéticos HGPRT negativos do mieloma e positivo das células híbridas. Os anticorpos obtidos foram testados pela técnica ELISA, dot blot, testes de inibição e caractereizados por imunoblotting, sendo que o peso molecular da proteína que cada anticorpo reconhecia foi determinado após análise por imagem comparativa (VDS)-Amersham Pharmacia Biotech. As classes e sub-classes de imunoglobulinas foram determinadas pelo método de imunodifusão radial e confirmadas por citometria de fluxo.A monoclonalidade foi estabelecida pela eletroforese em gel de agarose. Os anticorpos obtidos reconhecem produtos de degradação do fibrionogênio: anti-produto de degradação do fagmento Y ( anticorpo reconhecendo proteínas de PM 50.700 e 40.300 daltos) e anti- fragmento D ( anticorpo reconhecendo proteína de PM= 32.400 dalton.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Rosana Rossi Ferreira - Integrante / Cristiane Aparecida Ferino - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 1996 - 2001

    Produção de Anticorpos Monoclonais anti-Fator VIII da coagulação, expansão clonal e domínio da tecnologia de produção em larga escala, Descrição: CONTROLE DE QUALIDADE DE HEMODERIVADOS: QUALIDADE DE VIDA DO HEMOFÍLICO. Deffune, Elenice, Ferreira-Rossi, Rosana, Guimarães, Fátima Regina e Machado, Paulo Eduardo de Abreu. Hemocentro de Botucatu-Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina-UNESP. O desenvolvimento de talentos na área da saúde para o atendimento universal, multiprofissional e de qualidade para os hemofílicos é um dos desafios das últimas décadas.Envolvidos em processos dolorosos mundiais, fruto de utilização de produtos lábeis ou hemoderivados de padrão questionáveis, os hemofílicos foram assolados pelo HIV. O esforço biotecnológico mundial trouxe excelentes resultados obtendo produtos cada vez mais puros, específicos e viro-inativados. No entanto, estes produtos distribuídos no mundo todo, nem sempre tem seu transporte com a cadeia de frios que necessitam e podem ser alterados, prejudicados e mesmo ter total ineficácia terapêutica. Preocupados com a falta de controle pós-compra elaboramos um projeto de produção de anticorpos monoclonais murinos (AcMm) dirigidos contra fator VIII da coagulação com o intuito de obter uma ferramenta tecnológica para controle e validação dos produtos, antes da liberação para uso terapêutico em cada serviço. Os AcMm foram obtidos após a imunização de um grupo de camundongos, por via intraperitoneal, com FVIII natura cuja fonte foi crioprecipitado com intervalo de 21 dias entre as injeções. Após 45 dias retiramos o baço dos animais, recuperamos as células esplênicas e fusionamos as mesmas com células de mieloma murino segundo o método descrito por Köhler & Milstein (1975). Após o processo de fusão, os hibridomas foram distribuídos em placas de cultura e os híbridos viáveis foram retidos e testados quanto à sua especificidade. Os híbridos considerados de alta reatividade foram clonados e estabilizados durante os 4 primeiros meses de cultura, depois expandidos in vitro (cultura) e in vivo.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Rosana Rossi Ferreira - Integrante.Financiador(es): Financiadora de Estudos e Projetos - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 2

  • 1996 - 1998

    Estudo dos Antígenos Leucocitários Suínos e Tolerização objetivando Xanotransplante., Descrição: A crescente demanda de órgãos para transplantes versus a também crescente dificuldade em obter órgãos para os referidos transplantes tem aumentado a fila de espera, o que tem determinado, só no estado de São Paulo, um grande número de óbitos. Para contribuir com o avanço tecnológico e produzir marcadores que propiciarão no futuro o monitoramento de prováveis órgãos oriundos de animais preparados para transplantes de órgãos, estabelecemos protocolos de obtenção e caracterização de anticorpos monoclonais murinos dirigidos contra antígenos eritrocitários de suínos Large White.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Alexandre Krause - Integrante / Ana Paula Ehrandt Oliveira - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1

  • 1994 - 1998

    Produção de Anticorpos monoclonais dirigidos contra antígenos eritrocitários humanos, Descrição: Utilizando o avanço tecnológico da engenharia celular, implantamos no hemocentro de Botucatu o laboratório de produção de Anticorpos Monoclonais com objetivo claro de produzir insumos para a bancada da hemoterapia. Este objetivo era calcado na c]necessidade do serviço utilizar insumos de origem biotecnológico, mais seguros, mais precisos, porem de alto custo. Tendo em vista o término do contrato com a Universidade, este projeto teve continuidade com a contratação da pesquisadora, pelas regras CLT, para não haver descontinuidade do mesmo. Vários sub-produtos deste projeto inicial dão margem hoje à outras teses de mestrado e doutorado.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (4) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Tânia Rosalem - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante.Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 10 / Número de orientações: 6

  • 1994 - 1998

    Expansão clonal de anti-A, anti-B e anti-AB para uso em bancada, Descrição: Após a implantação do Laboratório de produção de anticorpos Monoclonais murinos a Divisão Hemocentro inciou uma nova fase de produção de insumos por biotecnologia. Os anticorpos anti-A, anti-B e anti-AB para a tipagem sangüínea rotineira foi validado por testes em paralelo com duas diferentes fontes comerciais de reagentes, obtendo desempenho superior numa amostragem de mais de 100.000 tipagens sangüíneas. Uma vez validados, entrou-se na fase de expansão clonal e produção de lotes de reagentes para uso interno em bancada, sem comercilização. Desta forma, isentos de registro no Ministério da Saúde.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Fátima Regina Guimarães - Integrante / Tania Rosalem - Integrante.Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 5

  • 1993 - 1994

    Obtenção, Caracterização e Validação de anticorpos monoclonais anti-A, anti-B e anti-AB, Descrição: Em 1992, com a implantação do laboratório de produção de anticorpos monoclonais, a linha mestra de pesquisa ficou estabelecida como sendo a produção de anticorpos monoclonais dirigidos contra antígenos eritrocitários humanos que viessem após a padronização, validação e registro, substituir os reagentes de bancada vigentes naquela época no país, na sua maior parte, de origem policlonal. A origem mencionada dos anticorpos largamente comercializados no país, é humana, o que confrontava e confronta com a constituição federal que proíbe comercialização dos sangue e de seus derivados. Com intuito de obter anticorpos melhores para uso em bancada, respeitar a constituição brasileira e por questões de biossegurança, melhorar a qualidade de vida dos trabalhadores dos laboratórios de imunohematologia, os três mais usados anticorpos de uso imunohematolõgico foram produzidos.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante.Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 3

  • 1992 - 1993

    Implantação da Tecnologia de Produção de Anticorpos Monoclonais, Descrição: Depois de mestrado e doutorado na área de biotecnologia aplicada à transfusão, com teses realizadas no Institut National de Transfusion Sanguine de Paris/ Université Pierre et Marie Curie/Paris VI/França, o desafio foi a implantação do laboratório de engenharia celular voltado à produção de anticorpos monoclonais murinos para uso em bancada com fins hemoterápicos. Em meados de abri/maio de 1992 começou a tramitação na universidade para que pudesse me submeter ao concurso para a vaga de pesquisadora. Tão logo isto foi possível, com o despacho do reitor publicado 27/5/1992, processo 1011-92-FM-Bo, dei início à implantação dom referido laboratório. Inicialmente realizei uma auditoria para analisar as práticas laboratoriais e as condições de biossegurança e técnicas. Esta auditoria levou à implantação do grupo, que posteriormente se tornou Comitê de Biossegurança, Qualidade e Bioética, para a padronização dos procedimentos e adequação dentro de padrões interncaionais de qualidade. A grande dificuldade incial foi a aquisição de nitrogênio líquido para a manutenção dos clones a serem produzidos. Em dezembro de 1992 consegui obter o primeiro sucesso em cultura celular, após vários problemas, todos ligados às deficiêcnias de infra-estrutura e treinamentoi de equipe. O investimento inicial para equipar o laboratório vieram fundamentalmente da Secretaria Estadual de Saúde e FINEP.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (4) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Paulo Eduardo de Abreu Machado - Integrante / Tânia Rosalem - Integrante / Fátima Regina Guimarães - Integrante.Financiador(es): Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo - Auxílio financeiro.

  • 2017 - Atual

    Lisado de hemácias humanas: análise da estabilidade dos diferentes antígenos, Descrição: A transfusão de sangue tem uma série de análises imunológicas obrigatórias, entre elas a tipagem sanguínea, prova de compatibilidade e pesquisa de anticorpos irregulares. Este último exame utiliza-se de um mini painel de hemácias fenotipadas para a identificação de prováveis alo-anticorpos presentes no soro do paciente que será transfundido. Esta análise demora em média de 30 a 45 minutos e é de leitura subjetiva ( observador dependente). Neste projeto avaliar-se-ão técnicas de produção de lisado membranário para a composição de imunossensores que reduzam o tempo de análise ao máximo 5 minutos e torne a leitura objetiva ( por software) e interfaceável de forma digital com os sistemas de prontuários eletrônicos. Com isto, espera-se diminuir o tempo de preparo da transfusão de sangue, a sensibilidade do teste, a rastreabilidade do mesmo, e minimizar o erro de transcrição de resultados.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (0) Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Elenice Deffune - Coordenador / Thays Neto - Integrante / Ivana Cesarino - Integrante / Ligia Mayumi Abe - Integrante / Martin Leme - Integrante.