Nathan Matos Magalhães

Doutorando em Literaturas Modernas e Contemporâneas na Pós-Lit da UFMG. É mestre em Literatura Comparada pelo Programa de Pós-Graduação (PPGL-UFC) da Universidade Federal de Ceará (UFC). Graduado em Letras-Português e Literatura pela Universidade Federal do Ceará (UFC). Foi bolsista de Iniciação Científica (CNPQ). Desenvolve pesquisas na área de Literatura Brasileira, Poesia Brasileira, com ênfase em Orides Fontela. É editor no portal literário LiteraturaBr.

Informações coletadas do Lattes em 20/10/2019

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em andamento em Letras: estudos literários

2015 - Atual

Universidade Federal de Minas Gerais
Título: Orides Fontela e a contextura poética de "Alba",
Sérgio Alcides Pereira do Amaral. Palavras-chave: Orides Fontela; Contextura Poética.Grande área: Lingüística, Letras e ArtesGrande Área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Letras / Subárea: Poesia.

Mestrado em Letras

2013 - 2015

Universidade Federal do Ceará
Título: José de Alencar e a escravidão: suas peças teatrais e o pensamento sobre o processo abolicionista,Ano de Obtenção: 2015
Marcelo de Almeida Peloggio.Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil. Palavras-chave: José de Alencar; Abolição; Teatro; eSCRAVIDÃO.Grande área: Lingüística, Letras e Artes

Graduação em Licenciatura em Letras Português/Literatura

2008 - 2012

Universidade Federal do Ceará
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2014 -

Extensão universitária em Projeto Editorial. (Carga horária: 21h). , Editora Unesp, EU, Brasil.

2017 - 2018

Extensão universitária em Marketing Digital para Editoras. (Carga horária: 24h). , Casa Educação, CE, Brasil.

2015 - 2015

Workshop de Revisão em PDF. (Carga horária: 2h). , Revisão Pra Quê, RPQ, Brasil.

2014 - 2014

Extensão universitária em Formação Continuada de Tutores à Distância. (Carga horária: 90h). , Instituto UFC Virtual, UFCV, Brasil.

2014 - 2014

Virando a página: compreendendo o livro eletrônico. (Carga horária: 45h). , Editora Unesp, EU, Brasil.

2013 - 2013

A confecção do livro: Produção gráfica editorial. (Carga horária: 45h). , Editora Unesp, EU, Brasil.

2013 - 2013

Produção Editorial. (Carga horária: 45h). , Editora Unesp, EU, Brasil.

2011 - 2011

Formação de Revisores. (Carga horária: 32h). , Universidade Federal do Ceará, UFC, Brasil.

2009 - 2009

Alencar e Machado:os problemas do Ser e da conting. (Carga horária: 6h). , Universidade Federal do Ceará, UFC, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente.

Espanhol

Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Pouco.

Francês

Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Letras / Subárea: EDITORAÇÃO.

    Grande área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Letras / Subárea: Poesia Brasileira.

    Grande área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Letras / Subárea: Literatura Brasileira.

    Grande área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Letras / Subárea: Teoria Literária.

    Grande área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Letras / Subárea: Literatura Comparada.

    Grande área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Letras / Subárea: Letras Clássicas.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

MAGALHÃES, N. M. ; COSTA, W. C. ; FREITAS, L. F. ; ARAUJO, O. L. . I Colóquio Machado de Assis, Literatura e Tradução. 2015. (Outro).

MAGALHÃES, N. M. ; COSTA, W. C. ; FREITAS, L. F. . II Colóquio Jorge Luis Borges Literatura e Tradução. 2015. (Outro).

MAGALHÃES, N. M. ; AGRELA, Rodrigo Vieira Ávila de. ; VASCONCELOS, A. F. ; PELOGGIO, M. A. ; SILVA, S. M. A. . II ENELF - Encontro Nacional em Estética Literatura e Filosofia. 2015. (Congresso).

MAGALHÃES, N. M. . I Colóquio Cinema, Literatura e Tradução. 2014. (Outro).

MAGALHÃES, N. M. ; COSTA, W. C. ; ARAUJO, O. L. ; FREITAS, L. F. . I Colóquio Jorge Luis Borges, Literatura e Tradução. 2014. (Outro).

MAGALHÃES, N. M. . I ENELF - I Encontro Nacional de Estética, Literatura e Filosofia. 2013. (Congresso).

MAGALHÃES, N. M. ; SILVA, C. A. ; PONTES, M. R. S. ; ARAUJO, O. L. . Filmando a Literatura - Uma performance cinematográfica. 2012. (Outro).

MAGALHÃES, N. M. ; SILVA, C. A. ; PONTES, M. R. S. ; AGRELA, Rodrigo Vieira Ávila de. . VIII Semana de Letras - Letras em Diálogos: Ensino Pesquisa Extensão. 2011. (Outro).

MAGALHÃES, N. M. . III Feira das Profissões. 2011. (Outro).

MAGALHÃES, N. M. ; SILVA, C. A. ; PONTES, M. R. S. ; ARAUJO, O. L. . Filmando a Literatura. 2011. (Outro).

MAGALHÃES, N. M. . 2º CHIP - 2º Colóquio Sobre Hipertexto. 2010. (Congresso).

MAGALHÃES, N. M. . II FLAEL - II Fórum de Linguística Aplicada e Ensino de Línguas. 2010. (Outro).

MAGALHÃES, N. M. . II Feira das Profissões. 2010. (Outro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

XI Congresso Internacional da ABRAPT e V Congresso Internacional de Tradutores. 2013. (Congresso).

Grupo de Estética, Literatura e Filosofia. 2012. (Outra).

8ª Semana de Letras - Letras em Diálogo: Ensino, Pesquisa e Extensão. Mesa de Abertura. 2011. (Congresso).

Grupo de Estudo de Estética, Literatura e Filosofia. 2011. (Outra).

I ELAEL - I ENCONTRO LATINO-AMERICANO DOS ESTUDANTES DE LETRAS.José de Alencar: Abolição como Forma de Extinção. 2011. (Encontro).

I Encontro Latino Americano de Estudantes de Letras - I ELAEL. 2011. (Encontro).

Encontros Universitáios da UFC.José de Alencar: Escravocrata ou Homem Incompreendido?. 2010. (Encontro).

Grupo de Estudos José de Alencar. 2010. (Outra).

VII Congresso de Estudantes da UFC. 2010. (Congresso).

Grupo de Estudos José de Alencar. 2009. (Outra).

Seminário José de Alencar 180 Anos. 2009. (Seminário).

VI Encontro Interdisciplinar de Estudos Literários. 2009. (Outra).

Grupo de Estudos José de Alencar. 2008. (Outra).

II ENPLP - Experiências e Articulações das Áreas de Pesquisas e Ensino de Literatura Portuguesa. 2008. (Encontro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Marcelo Almeida Peloggio

PELOGGIO, M. A.; Profa. Edilene Ribeiro Batista; LEITAO, M. M.. José de Alencar e a escravidão: suas peças teatrais e o pensamento sobre o processo abolicionista. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Letras) - Universidade Federal do Ceará.

Alexandre Rodrigues da Costa

COSTA, A. R.. Fluxocircular: o movimento do existir na poesia de Orides Fontela. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Letras) - Universidade Federal de Minas Gerais.

Roberto Alexandre do Carmo Said

ALCIDES, Sérgio;SAID, R. A. C.; CASA NOVA, Vera Lúcia; MASSI, Augusto; ROSA, Mário Alex; DINIZ, Lígia Gonçalves. Orides Fontela e a contextura de 'Alba". O livro de poesia como objeto poético. 2019. Tese (Doutorado em Estudos Literários) - Universidade Federal de Minas Gerais.

Sérgio Alcides Pereira do Amaral

ALCIDES, SÉRGIO; MASSI, A.; ROSA, M. A.; DINIZ, L. G.; NOVA, V. C.. Orides Fontela e a contextura poética de 'Alba': o livro de poesia como objeto poético. 2019. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Gradução em Letras: Estudos Literários) - Universidade Federal de Minas Gerais.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Maria Ester Maciel de Oliveira Borges

FLUXOCIRCULAR: O MOVIMENTO DO EXISTIR NA POESIA DE ORIDES FONTELA; Início: 2016; Tese (Doutorado em Letras: estudos literários) - Universidade Federal de Minas Gerais, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; (Orientador);

Marcelo Almeida Peloggio

José de Alencar e a escravidão: suas peças teatrais e o pensamento sobre o processo abolicionista; 2015; Dissertação (Mestrado em Letras) - Universidade Federal do Ceará, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Marcelo Almeida Peloggio;

Marcelo Almeida Peloggio

A escravidão no pensamento crítico de José de Alencar; 2011; Iniciação Científica; (Graduando em Letras) - Universidade Federal do Ceará, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Marcelo Almeida Peloggio;

Marcelo Almeida Peloggio

José de Alencar e a escravidão: suas peças teatrais e o pensamento sobre o processo abolicionista; 2013; Orientação de outra natureza; (Letras) - Universidade Federal do Ceará, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Marcelo Almeida Peloggio;

Marcelo Almeida Peloggio

José de Alencar: escravocrata ou homem incompreendido?; 2010; Orientação de outra natureza; (Letras) - Universidade Feceral do Ceará; Orientador: Marcelo Almeida Peloggio;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • MAGALHÃES, N. M. . Movimento Circular na poesia de Orides Fontela. Revista Acrobata: literatura audiovisual e outros desequilíbrios , v. 6, p. 16-23, 2016.

  • MAGALHÃES, N. M. ; SEVERO, M. (Org.) . Antologia de contos LiteraturaBr. 1. ed. Belo Horizonte: Editora Moinhos, 2016. v. 1. 72p .

  • MAGALHÃES, N. M. ; PELOGGIO, M. A. (Org.) . Bibliografia Comentada das Obras Ativa e Passiva de José de Alencar.. 1. ed. Fortaleza: Fundação Cearense de Pesquisa e Cultura, 2011. v. 1. 240p .

  • MAGALHÃES, N. M. . 3 poemas de Nathan Matos. Revista Mallarmargens, Site da Revista, 10 maio 2016.

  • MAGALHÃES, N. M. . Os pecados da atualidade. Jornal OPOVO, 03 nov. 2015.

  • MAGALHÃES, N. M. . A fortaleza literária. Musa Rara, 07 set. 2014.

  • MAGALHÃES, N. M. . É muito engraçado tudo isso. Jornal O POVO, 29 jan. 2014.

  • MAGALHÃES, N. M. . Bonsai, uma paz solitária. Palimpsesto - Revista do Programa de Pós-Graduação em Letras da UERJ, p. 2 - 6, 25 set. 2013.

  • MAGALHÃES, N. M. . José de Alencar, um 'escravocrata' abolicionista. Jornal O POVO, 15 set. 2013.

  • MAGALHÃES, N. M. . Resenha para Revista Acrobata. Mallarmargens - Revista de Poesia e Arte Contemporânea, Site da Revista Mallarmargens, 23 ago. 2013.

  • MAGALHÃES, N. M. . Clarice. Mallarmargens - Revista de Poesia e Arte Contemporânea, 21 ago. 2013.

  • MAGALHÃES, N. M. . Jogo sem labirinto. Jornal O POVO, Caderno Vida&Arte, p. 29 - 29, 26 jun. 2013.

  • MAGALHÃES, N. M. . Conservado. Mallamargens - Revista de Poesia e Arte Contemporânea, 24 maio 2013.

  • MAGALHÃES, N. M. . Conservado. Revista Pechisbeque, Fortaleza - Ceará, p. 13 - 13, 03 jun. 2011.

  • MAGALHÃES, N. M. ; MARA, S. . Elementos Embrionários das Obras Indianistas de José de Alencar nas Cartas sobre a Confederação dos Tamoios. In: Mundo Unifor, 2009, Fortalza. Encontro de Iniciação à Pesquisa, 2009.

  • MAGALHÃES, N. M. ; MARA, S. . Elementos Embrionários das Obras Indianistas de José de Alencar nas Cartas sobre a Confederação dos Tamoios. In: VI Encontro Interdisciplinar de Estudos Literários, 2009, Fortaleza. VI Encontro Interdisciplinar de Estudos Literários, 2009. v. 01.

  • MAGALHÃES, N. M. . Ájax: um herói desmedido. Philía (UERJ) , 2013.

  • MAGALHÃES, N. M. . UMA INCURSÃO POÉTICO-MITOLÓGICA NA OBRA DE ORIDES FONTELA. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • MAGALHÃES, N. M. . José de Alencar e a escravidão: suas peças teatrais e pensamento sobre o processo abolicionista. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • MAGALHÃES, N. M. . O poeta e sua sombra: Pedro Kilkerry: à margem da crítica literária brasileira. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • MAGALHÃES, N. M. . A escravidão no pensamento crítico de José de Alencar. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • MAGALHÃES, N. M. . José de Alencar: Abolição como Forma de Extinção. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • MAGALHÃES, N. M. . A escravidão no pensamento crítico de José de Alencar e Joaquim Manuel de Macedo. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • MAGALHÃES, N. M. . Ájax e Ájax: um herói desmedido. 2011. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MAGALHÃES, N. M. ; OLIVEIRA, K. R. D. . O devaneio poético em Gaibéus de Alves Redol. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • MAGALHÃES, N. M. . José de Alencar: Escravocrata ou Homem Incompreendido?. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • MAGALHÃES, N. M. ; Sandra Mara A. da Silva . Elementos Embrionários das Obras Indianistas de José de Alencar nas Cartas sobre a Confederação dos Tamoios. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • MAGALHÃES, N. M. ; TELIS, R. . A fresta temporal de 'Arpoador'. Rio de Janeiro: Oito e Meio, 2016 (Orelha de livro).

  • MAGALHÃES, N. M. . Antologia de Contos LiteraturaBr. Belo Horizonte: Moinhos, 2016 (Apresentação).

  • MAGALHÃES, N. M. . Apresentação. Belo Horizonte, 2016. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

  • PRUDENCIO, L. ; MAGALHÃES, N. M. . Baladas para violão de cinco cordas. São Paulo, 2014. (Prefácio, Pósfacio/Posfácio)>.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

MAGALHÃES, N. M. . Edição de poesia. 2017. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).

MAGALHÃES, N. M. . A literatura cearense continua:Possibilidade de publicação através de editoras independentes. 2014. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).

MAGALHÃES, N. M. ; Pontes, Madjer ; PEREIRA, E. . Autores & Ideias. 2012. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

MAGALHÃES, N. M. . Literatura Br. 2006. (Blog).

MAGALHÃES, N. M. ; SILVA, C. A. ; SANTIAGO, M. . O escaravelho dos deuses: lugares malditos. 2016. (Editoração/Livro).

PIMENTA, G. ; MAGALHÃES, N. M. . A sombra dos centauros e outros contos. 2016. (Revisão de texto).

TERCEIRO, V. N. ; MAGALHÃES, N. M. . Romãzeira das Fábulas. 2015. (Editoração/Livro).

RATTS, J. ; MAGALHÃES, N. M. . Tudo que é sujo, feio e necessário. 2015. (Editoração/Livro).

DOMINGUES, M. ; MAGALHÃES, N. M. . Breu Branco. 2015. (Editoração/Livro).

SANDERS, L. ; MAGALHÃES, N. M. . Todo mundo tem direito a um segredo. 2015. (Editoração/Livro).

PASSOS, P. H. ; MAGALHÃES, N. M. . Sindicato dos Deuses. 2015. (Editoração/Livro).

AQUINO, F. A. ; MAGALHÃES, N. M. . Girândola. 2015. (Editoração/Livro).

MIRANDA, F. ; MAGALHÃES, N. M. . Daquilo que edifica. 2015. (Editoração/Livro).

REGIA, V. ; MAGALHÃES, N. M. . Partida de não dizeres. 2015. (Editoração/Livro).

SINTIQUE, S. ; MAGALHÃES, N. M. . Corpo Nulo. 2015. (Editoração/Livro).

MOURA, S. ; MAGALHÃES, N. M. . Em carne viva. 2015. (Editoração/Livro).

FIGUEIREDO, R. ; MAGALHÃES, N. M. . Eu vi o invisível. 2015. (Editoração/Livro).

SOUSA, T. ; MAGALHÃES, N. M. . Se eu sonhasse girassóis e outros delírios. 2015. (Editoração/Livro).

A, S. ; ARAUJO, O. L. ; MAGALHÃES, N. M. . Electra. 2015. (Editoração).

SEVERO, M. ; MAGALHÃES, N. M. . Os escritores que eu matei. 2015. (Editoração).

FREIRE, E. ; GABRIELLE, J. ; MAGALHÃES, N. M. . Eu não me movo de mim. 2015. (Editoração).

YAROCHEWSKI, L. ; MAGALHÃES, N. M. . Reflexões de um criminalista. 2015. (Revisão de Texto).

RICCI, R. ; MAGALHÃES, N. M. . Memórias de 2014 - a eleição que não queria acabar. 2015. (Revisão de Texto).

ZULIANI, A. ; MAGALHÃES, N. M. . Maçarocas Reais. 2015. (Revisão de Texto).

SIMOES, R. ; MAGALHÃES, N. M. . Final de Análise. 2015. (Revisão de Texto).

MALTA, C. ; MAGALHÃES, N. M. . Ouse mudar-se: Outono. 2015. (Revisão de Texto).

SILVA, P. H. ; MAGALHÃES, N. M. . Sempre acreditamos: Os Três Anos Que Mudaram A História Do Atlético. 2015. (Revisão de Texto).

REBELO, N. M. B. S. V. ; MAGALHÃES, N. M. . O cidadão. 2015. (Revisão de Texto).

GUERRERO, V. ; MAGALHÃES, N. M. . Filhos do Milho: caminhando sobre moinhos de vento no México e na América Central.. 2015. (Revisão de Texto).

PAIVA, D. ; MAGALHÃES, N. M. . como caçar pássaros empalhados. 2015. (Revisão de texto).

SAVIO, R. ; MAGALHÃES, N. M. . Quem comanda a segurança pública no Brasil. 2015. (Revisão de Texto).

AUTORES, V. ; MAGALHÃES, N. M. . Olhares contemporâneos II - temas transversais relacionados à comunicação, moda e cinema. 2015. (Revisão de texto).

YAROCHEWSKY, L. I. ; MAGALHÃES, N. M. . Reflexões de um criminalista. 2015. (Revisão de texto).

JANONES, F. A. ; MAGALHÃES, N. M. . O marketing entra no jogo. 2015. (Revisão de texto).

LOURENCO, H. M. ; MAGALHÃES, N. M. . A hora da bruxa. 2015. (Revisão de Texto).

JOSE, C. A. ; MAGALHÃES, N. M. . Belorizontino. 2015. (Revisão de texto).

CUNHA, J. C. ; MAGALHÃES, N. M. . Entre o passado e o tempo. 2015. (Revisão de texto).

MALTA, C. ; MAGALHÃES, N. M. . Ouse mudar-se: Primavera. 2015. (Revisão de texto).

FARIA, A. ; MAGALHÃES, N. M. . Um amor de muitos verões. 2015. (Revisão de texto).

OTHERO, B. K. ; MAGALHÃES, N. M. . Poétiquase. 2015. (Revisão de texto).

GONTIJO, S. ; MAGALHÃES, N. M. . Palavras de arame. 2015. (Revisão de texto).

PONTES, M. R. S. ; MAGALHÃES, N. M. . O núcleo selvagem do dia. 2014. (Editoração/Livro).

AZIGON, T. ; MAGALHÃES, N. M. . Três Golpes D'água. 2014. (Editoração/Livro).

IKEDA, M. ; MAGALHÃES, N. M. . Cinecasulofilia. 2014. (Editoração/Livro).

ANDRADE, A. ; MAGALHÃES, N. M. . O mais feliz dos silêncios. 2014. (Editoração/Livro).

MAGALHÃES, N. M. ; MENEZES, R. . Revista Substânsia. 2014. (Editoração/Periódico).

CAVALCANTE, R. ; MAGALHÃES, N. M. . Mensagens enviadas enquanto você estava desconectado. 2014. (Editoração/Livro).

RODRIGUES, S. ; MAGALHÃES, N. M. . Cantos. 2014. (Editoração/Livro).

MAGALHÃES, N. M. ; MENEZES, R. . Revista Substânsia - #03. 2014. (Editoração/Periódico).

KURZ, G. ; MAGALHÃES, N. M. . Nascente Periférico. 2014. (Editoração/Livro).

ANDREA, T. ; MAGALHÃES, N. M. . O ano da serpente. 2014. (Revisão de Texto).

RIBEIRO, B. O. ; MAGALHÃES, N. M. . O olho da entropia. 2014. (Revisão de Texto).

VITRAL, M. ; MAGALHÃES, N. M. . O Era uma vez na Grécia antiga. 2014. (Revisão de Texto).

VIANA, C. ; MAGALHÃES, N. M. . Faces e versos. 2014. (Diagramação).

ALMEIDA, D. ; MAGALHÃES, N. M. . O casamento de Fudêncio. 2014. (Diagramação).

LEITE, C. ; MAGALHÃES, N. M. . Poesia Carioca. 2014. (Diagramação).

CLECIUS, A. ; VIEGAS, D. ; MAGALHÃES, N. M. . Olhares Contemporâneos 2. 2014. (Revisão de Texto).

CHRISTINA, R. ; MAGALHÃES, N. M. . Mensagens enviadas enquanto você estava desconectado. 2014. (Editoração).

MAGALHÃES, N. M. . Revista Substânsia - #01. 2013. (Editoração/Periódico).

MAGALHÃES, N. M. ; MENEZES, R. . Revista Substânsia - #02. 2013. (Editoração/Periódico).

MAGALHÃES, N. M. ; Marcelo Almeida Peloggio ; VASCONCELOS, A. F. ; FERNANDES, A. C. V. ; SILVA, S. M. A. ; XIMENES, J. F. . Til. 2012. (Estabelecimento de texto (Cotejo)).

MAGALHÃES, N. M. . O Guarani. 2012. (Estabelecimento de texto (Cotejo)).

MAGALHÃES, N. M. ; PELOGGIO, M. A. . Antiguidade da América e a raça primogênita. 2010. (Editoração/Livro).

MAGALHÃES, N. M. ; PELOGGIO, M. A. . Antiguidade da América e a raça primogênita. 2010. (Revisão de Texto).

MAGALHÃES, N. M. ; Pontes, Madjer . Arquivo L # 01. 2011 (Literária) .

MAGALHÃES, N. M. ; Pontes, Madjer ; Reis, Uirá dos . Pechisbeque #00. 2011 (Literária) .

MAGALHÃES, N. M. ; PONTES, M. R. S. . Pechisbeque #01. 2011 (Literária) .

MAGALHÃES, N. M. ; Reis, Uirá dos . Panflerte - demônios e literatura #00. 2008 (Literária) .

MAGALHÃES, N. M. . Panflerte - demônios e literatura #01. 2007 (Literária) .

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2011 - 2012

    A escravidão no pensamento crítico de José de Alencar, Descrição: Pesquisa teve por objetivo central identificar na obra romanesca e na dramaturgia de José de Alencar o entendimento que esse possuía acerca da escravidão no Brasil. Com efeito, Ao imperador: novas cartas políticas de Erasmo, que encerra o ciclo de textos sobre política, economia e escravidão, foi o espaço em que se deu o ponto de partida de nossa pesquisa. A partir das observações feitas das cartas em comparação com outros textos de cunho do autor, de outros teóricos e pensadores da época, pudemos trazer ao lume alguns pontos de vistas esquecidos pela crítica literária para outra perspectiva de interpretação do pensamento crítico de José de Alencar. Um ponto por nós observado foi a forma de como que se deu e como se dá a visão que críticos e teóricos de sua época tinham e tem sobre o pensamento crítico de Alencar acerca da escravidão. Nosso estudo teve como corpus as cartas supracitadas, o Perfil parlamentar, que reúne os discursos políticos do autor cearense, as peças teatrais: O demônio familiar (1857) e Mãe (1860) e os romances: O tronco do ipê (1871) e Til (1872). A leitura e análise desses textos nos levaram a outros, dentre eles: O Abolicionismo, de Joaquim Nabuco; A polêmica Alencar-Nabuco, organizado por Afrânio Peixoto; As vítimas-algozes, de Joaquim Manuel de Macedo, entre outros textos para que nosso objetivo fosse alcançado. Dentre nosso suporte teórico, damos destaque aos críticos Araripe Júnior, Arthur Motta, Cavalcanti Proença, Raimundo de Menezes, Raymond S. Sayers e principalmente Luiz Fernando Valente. Pudemos concluir que José de Alencar preocupava-se com as questões socioeconômicas que haveriam de afligir a população liberta com o fim da escravidão e que foi um dos primeiros a lutar contra a escravidão, que via o escravo como homem e não como objeto, como alguns abolicionistas faziam, que os críticos de sua época e outros de nossa época não entendiam e não entendem a visão crítica que Alencar possuía sobre a escrav. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Nathan Matos Magalhães - Integrante / Marcelo Almeida Peloggio - Coordenador.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2012 - 2013

    Instituto Centro de Ensino Tecnológico

    Vínculo: , Enquadramento Funcional: Tutor de Português - EAD, Carga horária: 30

  • 2012 - 2012

    Colégio Nossa Senhora das Graças

    Vínculo: Estagiário, Enquadramento Funcional: Professor de Redação, Carga horária: 8

    Outras informações:
    Também atuou nesse mesmo colégio como Estagiário-docente, ministrando a disciplina de Leitura e Produção Textual, entre os meses de junho e julho de 2012, cumprindo o estágio obrigatório em Linguística, para a conclusão do curso de graduação em Letras/Português e Literaturas, da Universidade Federal do Ceará.

  • 2011 - Atual

    Universidade Federal do Ceará

    Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador, Carga horária: 12

    Outras informações:
    Membro do Grupo de Estudos de Estética, Literatura e Filosofia (GEELF), coordenado pelo Professor Dr. Marcelo Peloggio, vinculado ao Departamento de Literatura da Universidade Federal do Ceará (UFC).

  • 2012 - 2012

    Universidade Federal do Ceará

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Extensionista, Carga horária: 12

    Outras informações:
    Organizador e Monitor voluntário do Filmando a Literatura, evento promovido pelo Departamento de Letras Estrangeiras da Universidade Federal do Ceará (UFC), coordenado pelo Prof. Dr. Orlando Luiz de Araujo.

  • 2011 - 2012

    Universidade Federal do Ceará

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Pesquisador de Iniciação Científica

  • 2011 - 2011

    Universidade Federal do Ceará

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Extensionista, Carga horária: 12

    Outras informações:
    Organizador e Monitor voluntário do Filmando a Literatura, evento promovido pelo Departamento de Letras Estrangeiras da Universidade Federal do Ceará (UFC), coordenado pelo Prof. Dr. Orlando Luiz de Araujo.

  • 2010 - 2011

    CASA JOSÉ DE ALENCAR

    Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador-Bolsista, Carga horária: 20

    Outras informações:
    Atuação como Pesquisador-bolsista do Projeto de Pesquisa "Biblioteca Comentada de José de Alencar", desenvolvido pela Casa de José de Alencar (Ceará), e que tem por objetivo, a partir do mapeamento já realizado das obras de José de Alencar em bibliotecas públicas e particulares de Fortaleza e em bibliotecas virtuais de todo o país, a publicação de um livro de auxílio aos pesquisadores com os comentários da fortuna crítica do autor.

  • 2012 - 2012

    Colégio Estadual Justiniano de Serpa

    Vínculo: Estágio em docência, Enquadramento Funcional: Professor de Literatura, Carga horária: 2

    Outras informações:
    Atuação como Estagiário-docente, ministrando o curso "Literatura no ENEM", cumprindo o estágio obrigatório em Literatura, para a conclusão do curso de graduação em Letras/Português e Literaturas, da Universidade Federal do Ceará.

  • 2012 - 2012

    Escola de Ensino Médio Governador Adauto Bezerra

    Vínculo: Estágio em docência, Enquadramento Funcional: Professor de Redação, Carga horária: 8

    Outras informações:
    Atuação como Estagiáro-docente, ministrando a disciplina de Redação, cumprindo o estágio obrigatório em Linguística, para a conclusão do curso de graduação em Letras/Português e Literaturas, da Universidade Federal do Ceará.