Bárbara Santana Nogueira

Mestre em História da África da Diáspora e dos Povos Indígenas pela Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), possui graduação em História pela Faculdade São Bento da Bahia (2014) e Pedagogia pela FAEL (2019). Atuou como professora colaboradora da Faculdade Cristã da Bahia e professora de História, Sociologia e Filosofia - Secretaria de Educação do Estado da Bahia e na iniciativa privada. Pesquisadora atuando principalmente nos seguintes temas: Religião, Repressão, jornais, resistência, Patrimônio histórico e Cultural.

Informações coletadas do Lattes em 24/06/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Mestrado profissional em Mestrado Profissional em História da África

2015 - 2017

Universidade Federal do Recôncavo da Bahia
Título: NOTÍCIAS DE UM BATUQUE: O JORNAL A TARDE E A PERSEGUIÇÃO AOS CANDOMBLÉS EM SALVADOR DE 1912 A 1937., Ano de Obtenção: 2017
Orientador: Antônio Liberac Cardoso Simões Pires
Palavras-chave: Candomblé, Repressão, Jornais, Resistência.Grande área: Ciências HumanasSetores de atividade: Pesquisa e desenvolvimento científico.

Graduação em Pedagogia

2018 - 2019

Faculdade Educacional da Lapa

Graduação interrompida em 2018 em Pedagogia

2017 - Interrompido

Universidade Federal da Bahia
Ano de interrupção: 2018

Graduação em História

2011 - 2014

Faculdade São Bento da Bahia
Título: " A Polícia Chagou na Hora": Jornal A Tarde e a Perseguição aos Candomblés em Salvador na década de 1920
Orientador: Meire Lúcia Alves Reis

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2014 - 2014

Ensino de História da Bahia. (Carga horária: 80h). , Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, UFRB, Brasil.

2013 - 2013

Curso Ensino de História da Bahia. (Carga horária: 120h). , Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, UFRB, Brasil.

2011 - 2011

Introdução ao Pensamento da Escola de Frankfurt. (Carga horária: 20h). , Faculdade São Bento da Bahia, FSBB, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Bandeira representando o idioma Espanhol

Compreende Bem, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

ana de História, do Departamento de Educação - Campus XIV, UNEB. 2015. (Congresso).

III Encontro Estadual de Ensino de História da ANPUH-B. A Invisibilidade das Religiões de Matrizes Africanas no Currículo Escolar. 2015. (Congresso).

III Encontro Estadual de Ensino de História da ANPUH-BA. 2015. (Congresso).

II Semana de História da Universidade do Estado da Bahia - UNEB Campus XIV.. Notícias de um batuque: o jornal a tarde e a perseguição e criminalização dos candomblés em salvador (1912-1937). 2015. (Congresso).

Revolta dos Malês: 180 anos. 2015. (Outra).

VII CONGRESSO INTERNACIONAL DE HISTÓRIA XXXV ENCUENTRO DE GEOHISTORIA REGIONAL XX SEMANA DE HISTÓRIA. 2015. (Congresso).

VII CONGRESSO INTERNACIONAL DE HISTÓRIA XXXV ENCUENTRO DE GEOHISTORIA REGIONAL XX SEMANA DE HISTÓRIA. O CERDO DO ?CANDOMBLÉ? DE ESCOLASTICA: NOTÍCIA DE UMA BATIDA POLICIAL NO TERREIRO DO GANTOIS EM 1926. 2015. (Congresso).

XI ENECULT - Encontro de Estudos Multidisciplinares em Cultura. 2015. (Congresso).

XI ENECULT - Encontro de Estudos Multidisciplinares em Cultura. ?A POLÍCIA CHEGOU NA HORA?: JORNAL A TARDE E A PERSEGUIÇÃO AOS CANDOMBLÉS EM SALVADOR NA DÉCADA DE 1920. 2015. (Congresso).

IV Colóquio Ofício do Historiador. 2014. (Simpósio).

III Encontro de Nações de Candomblé e I Simpósio de Estudos da Religião. 2013. (Simpósio).

Novas tecnologias no ensino de História. 2013. (Outra).

" Controle de Pragas em Museus, Bibliotecas e Acervos com Métodos Alternativos , Atóxicos". 2012. (Seminário).

" Desafios para o ensino de História e cultura indígena no Brasil a partir da lei 11.645/2008". 2012. (Outra).

I Congresso Internacional de Estudos Filológicos/ VI Seminário de Estudos Filológicos. 2012. (Congresso).

Colóquio Ofício do Historiador. 2011. (Seminário).

Mesaq Redonda Treze de Maio: Ensino de História da África. 2011. (Outra).

Mesa Redonda : "fontes históricas e acesso a memória". 2011. (Outra).

Palestra sobre: " Comentários históricos sobre o racismo científico". 2011. (Outra).

Recepção aos calouros de História. 2011. (Encontro).

SALVADOR DO SÉCULO XVI AO XX: FORMAS DE RELEVO E URBANIZAÇÃO. 2011. (Outra).

SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE ESTUDOS INQUISITORIAIS: HISTÓRIA E HISTORIOGRAFIA. 2011. (Simpósio).

V Seminário Acadêmico da faculdade São Bento da Bahia. 2011. (Seminário).

V Seminário Acadêmico da Faculdade São Bento da Bahia.V Seminário Acadêmico da Faculdade São Bento da Bahia. 2011. (Seminário).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

Aluno: Josenilda Moitinho Sena

NOGUEIRA, B. S.. Implicações da anemia falciforme na aprendizagem escolar. 2018. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Educação em Direitos Humanos) - Universidade Federal da Bahia.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Antonio Liberac Cardoso Simões Pires

PIRES, A. L. C. S.. Notícias de um batuque. 2017. Dissertação (Mestrado em História da África, da Diáspora e dos Povos Indige) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.

Antonio Liberac Cardoso Simões Pires

PIRES, A. L. C. S.. Notícias de um batuque. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em História da África, da Diáspora e dos Povos Indige) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.

Edmar Ferreira Santos

PIRES, A. L. C. S.; SOARES, E. L. R.;SANTOS, Edmar Ferreira. Notícias de um batuque: o jornal A Tarde e a perseguição aos candomblés em Salvador de 1912 a 1937. 2017. Dissertação (Mestrado em Mestrado em História da África, da Diáspora e dos Povos Indígenas) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.

Edmar Ferreira Santos

SANTOS, Edmar Ferreira; SOARES, E. L. R.; PIRES, A. L. C. S.. Notícias de um batuque: O jornal A Tarde e a perseguição aos candomblés em Salvador (1912-1937). 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado em História da África, da Diáspora e dos Povos Indígenas) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.

Emanoel Luis Roque Soares

PIRES, A. L. C. S.; SANTOS, E. F.;SOARES, Emanoel Luis Roque. NOTÍCIAS DE UM BATUQUE: O JORNAL A TARDE E A PERSEGUIÇÃO AOS CANDOMBLÉS EM SALVADOR DE 1912 A 1937.. 2017. Dissertação (Mestrado em Mestrado Proficional em historia da África, da diá) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.

Emanoel Luis Roque Soares

SOARES, Emanoel Luis Roque; PIRES, A. L. C. S.; SANTOS, E. F.. Noticias de um Batuque:Jornal a tarde e a perseguisão aos candombés em Salvador 1912 à 1937. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado Proficional em historia da África, da diá) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Antonio Liberac Cardoso Simões Pires

Notícias de um batuque; 2017; Dissertação (Mestrado em História da África, da Diáspora e dos Povos Indige) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia,; Orientador: Antonio Liberac Cardoso Simoes Pires;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • Marcos Cajé ; NOGUEIRA, B. S. . Amali e sua história. 1. ed. Itabuna: Mondrongo, 2017. v. 300. 18p .

  • NOGUEIRA, B. S. . O Livro Amali e Sua História: A Importância da Literatura Infantil e os Desafios de uma Produção Independente. 2019. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • NOGUEIRA, B. S. . Um Relato dos Desafios da Escrita e da Produção Literária Independente. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • NOGUEIRA, B. S. ; Marcos Cajé . Amali: Candomblé e Literatura. 2018. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • NOGUEIRA, B. S. . Intolerância Religiosa. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • NOGUEIRA, B. S. . ?NO AUGE DA BATUCADA?: O CANDOMBLÉ NAS PÁGINAS DO A TARDE EM SALVADOR (1912- 1937). 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • NOGUEIRA, B. S. . Notícias de um batuque: o jornal a tarde e a perseguição e criminalização dos candomblés em salvador (1912-1937).. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • NOGUEIRA, B. S. . ?A POLÍCIA CHEGOU NA HORA?: JORNAL A TARDE E A PERSEGUIÇÃO AOS CANDOMBLÉS EM SALVADOR NA DÉCADA DE 1920. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • NOGUEIRA, B. S. . A Invisibilidade das Religiões de Matrizes Africanas no Currículo Escolar.. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • NOGUEIRA, B. S. . O CERDO DO ?CANDOMBLÉ? DE ESCOLASTICA: NOTÍCIA DE UMA BATIDA POLICIAL NO TEREIRO DO GANTOIS EM 1926. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • NOGUEIRA, B. S. . Reflexões sobre a teoria e o ensino de história.. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • NOGUEIRA, B. S. ; ALVES, J. S. . A vida Monástica no Brasil após o Concilio Vaticano II.. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

NOGUEIRA, B. S. ; Marcos Cajé . Lançamento do livro ?Amali e sua história?. 2018. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

NOGUEIRA, B. S. . Memórias e Identidades Afro- Brasileiras. 2017. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).

NOGUEIRA, B. S. . Abayomi: Uma Memória da África em Nós.. 2019. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

NOGUEIRA, B. S. . Os Desafios da Pesquisa Histórica. 2017. .

NOGUEIRA, B. S. . Cultos, ritos, narrativas e práticas religiosas: religiões e religiosidades e suas possibilidades nas pesquisas históricas.. 2017. (EPHIS 2017).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2011 - 2012

    Cimbra: entre o medo e a renovação - ecos do Concílio Vaticano II na Vida monástica, Descrição: A CIMBRA (Conferência de Intercâmbio Monástico do Brasil) foi criada logo após o Concílio Vaticano II com o objetivo de proporcionar um diálogo para realizar a renovação da vida monástica, conforme orientação dos documentos pós-conciliares. Diante da nova visão da Igreja como povo de Deus, abandonando o modelo clericalista e revalorizando o leigo como membro atuante na comunidade cristã, surge um grande temor da vida monástica se acabar. Um grande movimento se inicia na tentativa de renovação da vida monástica para inseri-la no mundo moderno, abrangendo comunidades da África, América, Ásia e Europa. Na América do Sul, além do Uruguai, Paraguai, Argentina e Chile, também o Brasil seguiu a inspiração e formou uma Conferência de Intercâmbio Monástico do Brasil (CIMBRA), tendo como um dos seus colaboradores o abade do Mosteiro de São Bento da Bahia, dom Paulo Rocha. O levantamento primário da documentação pertencente ao Abade dom Paulo Rocha, OSB, identifica uma série de eventos promovidos pela CIMBRA, desde o primeiro encontro Geral da Cimbra em agosto de 1967 até o ano de 2000 com a IX Semana de Estudos Monásticos para jovens professos. Ao longo destas quase cinco décadas de existência, a CIMBRA promoveu o intercâmbio entre os diversos mosteiros do Brasil, buscando atender às orientações do Concílio Vaticano II, no tocante a renovação da Vida Religiosa. Por isso, o total de 11 Encontros para Jovens Professos realizados para atender ao apelo da formação volta para as necessidades atuais. Os Encontros Gerais realizados quase que anualmente, tratavam dos mais diversos temas para formação monástica, merecendo destaque o IV Encontro Geral de 1970. ?À luz do tema O monge face o mundo?, o encontro evidencia os aspectos bíblicos e eclesiológicos, destacando a presença do monge no mundo segundo o Vaticano II. Até o momento foi feito o levantamento da documentação existente sobre dom Paulo Rocha e sobre a CIMBRA, organizada em três caixas identificadas com sigla da Co. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Bárbara Santana Nogueira - Integrante / Jonilton De Sousa Alves - Coordenador., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia - Bolsa., Número de produções C, T & A: 1

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

2013 - 2014

Centro Educacional Santo Antonio

Vínculo: Estágio, Enquadramento Funcional: Professora de História, Carga horária: 20

Outras informações:
Responsável pelo planejamento de aulas, aplicação de instrumentos de avaliação de alunos, contribuindo ativamente para a qualidade do processo de ensino- aprendizagem e seus resultados. Prestação de orientação aos alunos, auxiliando na realização de tarefas, esclarecimento de dúvidas, assim como a realização de atividades administrativas. Auxílio em aulas para alunos do Ensino Fundamental II, envolvendo atividades do ano letivo, verificação de frequência e notas e repasse de dados à Secretaria da instituição. Bem como na organização da Quadrilha Junina; Orientações em aulas de campo (Centro histórico de Salvador) e organização de projetos como a Consciência Negra.

2011 - 2012

Faculdade São Bento da Bahia

Vínculo: Outro (especifique), Enquadramento Funcional: bolsista, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.

2015 - Atual

Secretaria de Educação do Estado da Bahia

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professora de História, Carga horária: 20

Outras informações:
Responsável pelo planejamento de aulas, aplicação de instrumentos de avaliação de alunos, contribuindo ativamente para a qualidade do processo de ensino- aprendizagem e seus resultados, nas disciplinas de História, Filosofia e Sociologia. Prestação de orientação aos alunos, auxiliando na realização de tarefas, esclarecimento de dúvidas, assim como a realização de atividades administrativas. Auxílio em aulas para alunos do Ensino Fundamental II e Médio, envolvendo atividades do ano letivo, verificação de frequência e notas e repasse de dados à Secretaria da instituição. Bem como na utilização de novas tecnologias na elaboração de Podcast e apresentação em QR CODE, assim como na realização de oficinas e organização da Quadrilha Junina; Orientações em aulas de campo (Centro histórico de Salvador e Cachoeira- BA) e organização de projetos como o POLI AFRO.

2016 - 2018

Faculdade Cristã da Bahia

Vínculo: horista, Enquadramento Funcional: Professora, Carga horária: 12

Outras informações:
Ministrando as disciplinas de Teoria da História, História dos Povos Indígenas do Brasil, Brasil República, Historiografia, acompanhado em aula de campo e auxiliando na orientação de TCC.

2017 - 2018

Escola Nossa Senhora da Conceição

Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professora de História, Carga horária: 12

Outras informações:
Responsável pelo planejamento de aulas, aplicação de instrumentos de avaliação de alunos, contribuindo ativamente para a qualidade do processo de ensino- aprendizagem e seus resultados. Prestação de orientação aos alunos, auxiliando na realização de tarefas, esclarecimento de dúvidas, assim como a realização de atividades administrativas. Auxílio em aulas para alunos do Ensino Fundamental II, envolvendo atividades do ano letivo, verificação de frequência e notas e repasse de dados à Secretaria da instituição. Bem como na realização de oficinas, Café Literário e orientações em aulas de campo (Cachoeira- BA).

2018 - Atual

Colégio Multiplicação

Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professora de História, Carga horária: 10

Outras informações:
Responsável pelo planejamento de aulas, aplicação de instrumentos de avaliação de alunos, contribuindo ativamente para a qualidade do processo de ensino- aprendizagem e seus resultados. Prestação de orientação aos alunos, auxiliando na realização de tarefas, esclarecimento de dúvidas, assim como a realização de atividades administrativas. Auxílio em aulas para alunos do Ensino Fundamental II, envolvendo atividades do ano letivo, Elaboração de projetos, utilização de novas tecnologias nas avaliações como orientações para produções de videos e Podcast, verificação de frequência e notas e repasse de dados à Secretaria da instituição.

2019 - Atual

COLÉGIO MIRÓ

Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professora de História, Carga horária: 6

Outras informações:
Responsável pelo planejamento de aulas, aplicação de instrumentos de avaliação de alunos, contribuindo ativamente para a qualidade do processo de ensino- aprendizagem e seus resultados. Prestação de orientação aos alunos, auxiliando na realização de tarefas, esclarecimento de dúvidas, assim como a realização de atividades administrativas. Auxílio em aulas para alunos do 8º e 9º ano do Ensino Fundamental II, envolvendo atividades do ano letivo, verificação de frequência e notas e repasse de dados à Secretaria da instituição. Buscando cada vez mais utilizar a metodologia ativa em minhas aulas, tenho utilizado de novas tecnologias para o estudo da História através de um contexto de pesquisa e leituras elabora junto aos alunos Histórias em Quadrinho e Podcast disponíveis em mural na escola apresentação em QR CODE, assim como na realização de oficinas de Abayomi e Orientações em aulas de campo.

2014 - 2015

Colegio Aliança

Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professora de História e Filosofia, Carga horária: 12

Outras informações:
Lecionando as disciplinas de História e Filosofia. Responsável pelo planejamento de aulas, aplicação de instrumentos de avaliação de alunos, contribuindo ativamente para a qualidade do processo de ensino- aprendizagem e seus resultados. Prestação de orientação aos alunos, auxiliando na realização de tarefas, esclarecimento de dúvidas, assim como a realização de atividades administrativas. Auxílio em aulas para alunos do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental II, envolvendo atividades do ano letivo, verificação de frequência e notas e repasse de dados à Secretaria da instituição.