Alexandre Nunes Lourenco

Possui ensino-fundamental-primeiro-grau pela Escola Estadual São Sebastião(2010), ensino-fundamental-primeiro-grau pela Escola Estadual do Sobradinho(2007) e ensino-medio-segundo-grau pela Escola Estadual São Sebastião(2013). Tem experiência na área de Química.

Informações coletadas do Lattes em 23/06/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Graduação em andamento em Química

2014 - Atual

Universidade Federal de Lavras

Ensino Médio (2º grau)

2011 - 2013

Escola Estadual São Sebastião

Ensino Fundamental (1º grau)

2007 - 2010

Escola Estadual São Sebastião

Ensino Fundamental (1º grau)

2003 - 2007

Escola Estadual do Sobradinho

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Bandeira representando o idioma Inglês

Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Química.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

Estacão Ciencia.A química que você não conhece. 2015. (Oficina).

I Simpósio Internacional em Materiais e Biossistemas - SIMBI. 2015. (Simpósio).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Paulo Ricardo da Silva

SILVA, P. R.; PEREIRA, R. R.; JUNQUEIRA, M. M.. Análise das publicações envolvendo jogos e atividades lúdicas no período 2010-2018 no Encontro Nacional de Ensino de Química. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Federal de Lavras.

Marianna Meirelles Junqueira

SILVA, P. R.;JUNQUEIRA, M. M.; REIS, R. P. Análise das publicações envolvendo jogos e atividades lúdicas no período 2010-2018 no Encontro Nacional de Ensino de Química. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Federal de Lavras.

Renata Reis Pereira

SILVA, P. R.; Junqueira, M. M.;PEREIRA, R. R.. Análise das publicações envolvendo jogos e atividades lúdicas no período 2010-2018 no Encontro Nacional de Ensino de Química. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Federal de Lavras.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Maria Lucia Bianchi

Preparação e caracterização de carvões ativados de fibras de piaçava; Início: 2013; Iniciação científica (Graduando em Química) - Universidade Federal de Lavras, Coordenadoria de Iniciação Científica da UFLA; (Orientador);

Paulo Ricardo da Silva

Análise das publicações envolvendo jogos e atividades lúdicas no período 2010-2018 no Encontro Nacional de Ensino de Química; 2019; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Federal de Lavras; Orientador: Paulo Ricardo da Silva;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • LOURENCO, A. N. ; Jesus, L. B. ; Bianchi, M. L. . Liberação lenta de nitrogênio em fertilizantes a base de ureia revestidos com nanofibrilas de celulose. 2018. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • LOURENCO, A. N. ; Jesus, L. B. ; Bianchi, M. L. . Relação entre Nanofibrilas de celulose e porosidade em pellets de fertilizantes. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • LOURENCO, A. N. ; Pego, M. F. ; Bianchi, M. L. . USO DO TRATAMENTO CORONA NA MODIFICAÇÃO QUÍMICA DA SUPERFÍCIE DE CARVÃO ATIVADO. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • LOURENCO, A. N. ; Castro, J. P. ; Pego, M. F. ; Bianchi, M. L. . Carvões ativados de fibras de piaçava: preparação e testes de adsorção. 2015. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2017 - 2018

    Avaliação da liberação controlada de ureia encapsulada com nanofibrilas de celulose, Descrição: A celulose é um polímero orgânico biodegradável, de cadeia longa, composto de um só monômero (glicose), classificado como polissacarídeo ou carboidrato. É um dos principais constituintes das paredes celulares das plantas, e vem sendo muito utilizada em escala nanométrica como reforço para os materiais. A indústria de fertilizantes enfrenta um desafio permanente de melhorar a eficiência de seus produtos, principalmente pelo fato dos produtos convencionais apresentarem alta taxa de lixiviação e volatilização, ocasionando danos ambientais e perdas econômicas. O uso de fertilizantes de liberação controlada promove o mesmo rendimento do cultivo, e gera uma economia de 20% a 30% em relação à aplicação de um fertilizante convencional. Durante o processo de produção dos fertilizantes de liberação controlada ou lenta os grânulos de nutrientes são encapsulados por uma camada de material insolúvel em água com microporos, que controlam a interação entre a água e o nutriente no interior do grânulo, permitindo a sincronização da taxa de liberação dos nutrientes com a velocidade de absorção pelas plantas. Perante esse cenário , o objetivo do trabalho foi desenvolver e testar cápsulas de liberação controlada para ureia, utilizando como matriz nanofibrilas de celulose obtida a partir de polpa não branqueada, incorporadas com outro material (argila, glicerol, amido e/ou lignina) em diferentes composições.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Alexandre Nunes Lourenco - Integrante / Maria Lucia Bianchi - Coordenador / Luana Bertollini de Jesus - Integrante.

  • 2015 - 2017

    Biocarvões preparados a partir de biomassa residual, Descrição: Piaçava (Atalea funifera e Leopoldinia piassaba) é uma espécie de palmeira em que as fibras são localizadas na base das folhas. A Atalea funifera é nativa da Bahia e a Leopoldinia piassaba é de origem amazônica. As fibras longas são retiradas e utilizadas como cobertura de quiosques ou cortadas para fabricação de vassouras, escovas e outros utensílios, nesse caso são gerados resíduos de piaçava que são descartados. Estudos mostraram que esse material possui grande porcentagem de lignina em sua constituição e tem potencial para ser utilizado como matéria prima na preparação de carvão para energia ou carvão ativado. O carvão ativado (CA) é um material que possui alto grau de porosidade e área superficial elevada e é obtido a partir da pirólise e ativação de materiais carbonáceos. É um dos principais sólidos usados em processos de adsorção, fenômeno em que uma substância (gasosa ou líquida) presente em um efluente (gasoso ou líquido) é transferida para a superfície do carvão ativado.O objetivo desse trabalho foi produzir carvões ativados (CAs) a partir das fibras de piaçava (da Bahia e Amazônica) por meio da ativação física (CO2) e realizar testes de adsorção com fenol e azul de metileno (AM) para determinar a capacidade adsortiva dos materiais produzidos.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Alexandre Nunes Lourenco - Integrante / Maria Lucia Bianchi - Coordenador / Matheus Felipe Pego - Integrante.