Jéssika Kitéria de Andrade Valença

Jéssika Andrade também conhecida como B.girl Pekena, na cultura Hip-Hop, é graduada em licenciatura em dança pela Universidade Federal da Paraíba, é artista, professora e pesquisadora em dança e ministra aulas de dança em alguns estúdios na cidade de João Pessoa. Desde 2008 desenvolve trabalhos com as danças urbanas, com destaque para a dança Breaking. Participou de competições de Breaking, ganhando em 1º lugar alguns campeonatos pelo nordeste, atualmente a artista continua participando de eventos de Breaking pelo Brasil, como competidora, jurada e em rodas de conversas sobre a presença feminina na cultura Hip-Hop. No ano de 2017 começou pesquisar a cultura popular brasileira, desenvolvendo trabalhos que dialogam o Breaking com o samba do Cavalo Marinho. Participa do Grupo de pesquisa Poéticas, Estéticas e Corporalidades das Performances Culturais, coordenado pela professora Dra. Carolina Laranjeira.

Informações coletadas do Lattes em 19/10/2019

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Graduação em Dança

2014 - 2018

Universidade Federal da Paraíba
Título: Na tora: o que pode o corpo de uma B.girl ao produzir relações com o samba do Cavalo Marinho.
Orientador: Carolina Dias Laranjeira
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.

Graduação interrompida em 2013 em Química

2010 - Interrompido

Universidade Estadual da Paraíba
Ano de interrupção: 2013

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2018 - 2018

workshop de dança contmporanea. (Carga horária: 2h). , CENTRO ESTADUAL DE ARTE, CEARTE, Brasil.

2018 - 2018

oficina de cavalo marinho com mestre Aguinaldo Robe e mestre Inacio Lucindo. (Carga horária: 2h). , Associação Brasileira de Pesquisa e Pós-Graduação em Artes Cênicas, ABRACE, Brasil.

2017 - 2017

cORPO LUDICO: O FAZER-DIZER DA DANÇA NO UNIVERSO INFANTIL. (Carga horária: 20h). , CIA. ETC., CIA.ETC., Brasil.

2017 - 2017

Oficina de Cavalo MArinho. (Carga horária: 8h). , CENTRO ESTADUAL DE ARTE, CEARTE, Brasil.

2016 - 2016

DANÇA HOLISTICA. (Carga horária: 2h). , Universidade Federal da Paraíba, UFPB, Brasil.

2015 - 2015

Extensão universitária em Por entre tombos e trupés. (Carga horária: 3h). , Universidade Federal da Paraíba, UFPB, Brasil.

2015 - 2015

pibid e procedência: trabalho de relações interpessoais. (Carga horária: 4h). , Universidade Federal da Paraíba, UFPB, Brasil.

2015 - 2015

OFICINA DE DANÇA MODESNA TECNICA DE LESTER HORTON. (Carga horária: 6h). , Centro Universitário de João Pessoa, UNIPÊ, Brasil.

2015 - 2015

Jogos Corporais: dança na escola. (Carga horária: 2h). , Universidade Federal da Paraíba, UFPB, Brasil.

2015 - 2015

FREVO PARA APRENDER E NESINAR. (Carga horária: 2h). , Universidade Federal da Paraíba, UFPB, Brasil.

2015 - 2015

improvisação para teatro. (Carga horária: 3h). , Universidade Federal da Paraíba, UFPB, Brasil.

2015 - 2015

DANÇAS DO BRASIL E DE TODO LUGAR. (Carga horária: 1h). , Universidade Federal da Paraíba, UFPB, Brasil.

2015 - 2015

conscientização DO MOVIMENTO. (Carga horária: 3h). , Universidade Federal da Paraíba, UFPB, Brasil.

2014 - 2014

DANÇA MAIS EU: DANÇA, CAPOEIRA E IMPROVISAÇÃO. (Carga horária: 6h). , Universidade Federal da Paraíba, UFPB, Brasil.

2006 - 2006

CURSO DE INFORMÁTICA. (Carga horária: 70h). , INSTITUTO DE CAPACITAÇÃO AO PRIMEIRO EMPREGO, ICAPÉ, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.

Espanhol

Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.

Português

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Artes / Subárea: Dança/Especialidade: licenciatura em dança.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

ABRACE. Saberes de mestres no corpo: experimentações criativas em dança a partir do Toré Potiguara e do Cavalo Marinho pernambucan. 2018. (Congresso).

AGOSTO DAS LETRAS. RAXA. 2018. (Exposição).

CARROSSEL DO DESTIVNO. ORAÇÃO AO TEMPO. 2018. (Exposição).

IX JORNADA DE PESQUISA EM ARTES CÊNICAS. Na tora: processo criativo impulsionado pelas investigações das corporalidades do Breaking e da brincadeira do Cavalo Marinho.. 2018. (Congresso).

MOSTRA UNIVERSITÁRIA ARTES EM CENA. RAXA. 2018. (Exposição).

MOSTRA UNIVERSITÁRIA ARTES EM CENA. NA TORA. 2018. (Exposição).

ENTRE-MOSTRA. SILKADOS. 2017. (Exposição).

SEMANA CÊNICA 2016.2. LABORATÓRIOS PRÁTICOS DA DANÇA CONTEMPORÂNEA. 2017. (Exposição).

Viii jORNADA DE PESQUISA EM ARTES CÊNICAS- EDIÇÃO INTERNACIONAL. Apontamentos para uma criação em dança impulsionada pelo diálogo entre o Breaking e o Cavalo Marinho. 2017. (Congresso).

9 MOSTRA DE NOVOS CRIADORES. SINGULARES. 2016. (Exposição).

ENID.EXPERIÊNCIAS DO PIBID NO CENTRO ESTADUAL DE ENSINO-APRENDIZAGEM SESQUICENTENÁRIO: EXPERIMENTO CUBBA - UMA ABORDAGEM DE TÉCNICAS DE DANÇA NO ENSINO FORMAL. 2016. (Encontro).

ESPETÁCULO CORDA BAMBA. MARIONETES. 2016. (Exposição).

HISTÓRIA DA DANÇA. ESTUDANTES AMERICANOS HIPHOP. 2016. (Exposição).

VII jornada de pesquisa. Experimento CUBBA: uma abordagem de técnicas de dança no ensino formal ? experiências do PIBID no Centro Estadual de Ensino-Aprendizagem Sesquicentenário.". 2016. (Congresso).

VII jornada de pesquisa. [Em] prosa: um diálogo entre as cyphers, os dançarinos e os padrões de movimentos.. 2016. (Congresso).

8° MOSTRA DE NOVOS CRIADORES. DESCONTEXTO. 2015. (Exposição).

ENID.UMA REFLEXÃO ACERCA DA PROPOSIÇÃO DE UMA ATIVIDADE DE DANÇA A PARTIR DE CONTEÚDOS DE OUTRAS ÁREAS DO CONHECIMENTO. 2015. (Encontro).

SEMANA CÊNICA 2015.1. REFERÊNCIAS E VIVÊNCIAS. 2015. (Exposição).

SEMANA CÊNICA 2015.1. TÉCNICAS DE IMPROVISAÇÃO. 2015. (Exposição).

SEMANA CÊNICA 2015.1. BALBÚRDIA. 2015. (Exposição).

SEMANA CÊNICA 2015.2. XêRO. 2015. (Exposição).

SEMANA CÊNICA 2015.2. O QUE VOCÊ TEM A VER COM ISSO?. 2015. (Exposição).

RED BULL BC ONE ALL STARS ON TOURU RECIFE. BATALHA DE BREAK. 2013. (Olimpíada).

1° ENCONTRO DE HIPHOP DE ALAGOA NOVA. 2011. (Exposição).

3° CAPIBARIBE DE HIPHOP. 2011. (Exposição).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Carolina Dias Laranjeira

LARANJEIRA, C. D.; SANTOS, D.; OLIVEIRA, V. H. N.. Na tora: o que pode o corpo de uma b.girl ao produzir relações com o samba da brincadeira do cavalo marinho. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Dança) - Universidade Federal da Paraíba.

Victor Hugo Neves de Oliveira

OLIVEIRA, V. H. N.. NA TORA: O QUE PODE UM CORPO DE UMA B.GIRL AO PRODUZIR RELAÇÕES COM O SAMBA DO CAVALO MARINHO. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Dança) - Universidade Federal da Paraíba.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Carolina Dias Laranjeira

Na tora: o que pode o corpo de uma b; girl ao produzir relações com o samba da brincadeira do cavalo marinho; 2018; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Dança) - Universidade Federal da Paraíba; Orientador: Carolina Dias Laranjeira;

Carolina Dias Laranjeira

Processo criativo e pesquisa em dança em diálogo com a Brincadeira do Cavalo Marinho; 2018; Iniciação Científica; (Graduando em Dança) - Universidade Federal da Paraíba; Orientador: Carolina Dias Laranjeira;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

VALENÇA, J. K. A. . Processo Criativo e Pesquisa em Dança em Diálogo com a Brincadeira do Cavalo Marinho. 2018. (Relatório de pesquisa).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2017 - Atual

    Saberes de mestres no corpo: experimentações criativas em dança a partir de culturas tradicionais, Descrição: O presente projeto possui como principal objetivo realizar processos criativos em dança a partir da investigação sobre as corporalidades, movimentações e estados corporais de duas performances culturais: o Toré Potiguara e a Brincadeira do Cavalo Marinho. A pesquisa se baseia no reconhecimento de conhecimentos tradicionais com o enfoque sobre os saberes corporais. Sob uma perspectiva antropológica procura discutir os conceitos de cultura e de culturas populares, além de buscar compreender as relações entre corporalidade, estados corporais e simbologias locais a partir de teóricos da dança. Tendo em vista a relação entre teoria e prática, propõe-se dois eixos metodológicos: o qualitativo e o performativo. Estes serão conduzidos por meio de pesquisas etnográficas baseadas em pesquisas de campo, observações, participações e registros onde serão coletados materiais para a realização de laboratórios de criação objetivando resultados práticos e teóricos, nos formatos de relatórios, artigos e obras coreográficas.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Jéssika Kitéria de Andrade Valença - Integrante / Carolina Dias Laranjeira - Coordenador / Rafael Sabino - Integrante / Itamira Barbosa - Integrante / Carlos Gonçalves - Integrante / Luciana Portela - Integrante.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Prêmios

2016

PREMIO DE INICIAÇÃO A DOCENCIA - 2016, UNIVERSIDADE FEDDERAL DA PARAIBA.

2014

CONJUNTO REVELAÇÃO, FAC- FESTIVAL DE ARTE E CRIATIVIDADE.

2007

FEIRA DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA- FETEC JOVEM, FUNDAÇÃO DE APOIO A PESQUISA DO ESTADO DA PARAIBA- FAPESQ.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2015 - Atual

    Fazendo Arte

    Vínculo: Professor Visitante, Enquadramento Funcional: Professora de danças urbanas, Carga horária: 4

    Outras informações:
    Professora de danças urbanas da escola de artes Fazendo Arte.