Eder da Costa dos Santos

Possui graduação em Agronomia pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), mestrado em Ciência do Solo, com enfoque em Microbiologia e Bioquímica do solo, pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e doutorado em Ciência de Alimentos, com tese realizada na área da Microbiologia e Bioquímica Ambiental pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP) e doutorado sanduíche em metaproteômica realizado no Departamento de Bioquímica e Biologia Molecular da Universidade de Córdoba (UCO), Espanha. Autor da primeira tese do Brasil a utilizar a abordagem metaproteômica. Realizou pós-doutorado no laboratório de microbiologia molecular na Universidade de São Paulo (USP), tendo neste período realizado curso de aperfeiçoamento em Técnicas Avançadas de Proteômica no Centro Nacional de Biotecnologia (CNB) em Madrid, Espanha. Tem experiência na área da Microbiologia e Bioquímica, atuando principalmente nos seguintes temas: genômica funcional, proteômica ambiental, biomarcadores moleculares de estresse ambiental e bioprospecção de compostos bioativos. Tem coordenado projetos que utilizam abordagens proteômicas para responder questões voltadas à ecofisiologia microbiana em distintos sistemas e ambientes, com destaque para filosfera de plantas. Recentemente, passou a integrar a proteômica e metabolômica visando o entendimento de Quorum Sensing na formação de "fenótipos" microbianos em ambientes complexos. Por meio de colaboração internacional com grupos dos Estados Unidos e Espanha vêm integrando dados genômicos, proteômicos e metabolômicos obtidos de distintos biomas, visando o entendimento do Sistema Biológico. É professor adjunto na Universidade Tecnológica Federal do Paraná, atuando como docente permanente no Programa de Pós-graduação em Engenharia Ambiental, com projetos focados em bioquímica e biotecnologia ambiental. No período de 02/2014 a 06/2017 ocupou o cargo de Diretor de Relações Empresariais e Comunitárias da UTFPR-FB, setor responsável por fomentar a Inovação tecnológica e a Propriedade Intelectual. Foi professor visitante junto ao Ecological and Forestry Applications Research Centre na Universitat Autònoma de Barcelona (UAB), Barcelona, Espanha.

Informações coletadas do Lattes em 27/06/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em Ciência de Alimentos

2004 - 2007

Universidade Estadual de Campinas
Título: Metaproteômica e bioquímica de solos contaminados por hidrocarbonetos e metais pesados
Orientador: Lucia Regina Durrant (Unicamp) Juan López Barea (UCO, Spain)
com Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Palavras-chave: metaproteômica; biomarcadores moleculares; Bioquímica microbiana.Grande área: Ciências BiológicasGrande Área: Ciências Biológicas / Área: Bioquímica / Subárea: Bioquímica dos Microorganismos. Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Microbiologia / Subárea: Microbiologia Aplicada.

Mestrado em Ciência do Solo

2002 - 2004

Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Título: Biodegradação de Antraceno Estimulada por Ferro,Ano de Obtenção: 2004
Orientador: Flávio A O. Camargo
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Palavras-chave: Biodegradação; Ferro; Antraceno; PAH.Grande área: Ciências Agrárias

Aperfeiçoamento em Metaproteómica de suelos contaminados

2007 - 2007

Universidad de Córdoba - Espanha
Título: Metaproteómica de suelos impactados del Estero Domingo Rubio. Ano de finalização: 2007
Orientador: Juan López Barea

Graduação em Agronomia

1997 - 2002

Universidade Federal de Santa Maria

Curso técnico/profissionalizante

1992 - 1994

Instituto Federal Farroupilha, IF-Farroupilha

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Pós-doutorado

2010 - 2013

Pós-Doutorado. , Universidade de São Paulo, USP, Brasil. , Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil. , Grande área: Ciências Biológicas, Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Bioquímica / Subárea: Bioquímica dos Microorganismos. , Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Bioquímica / Subárea: Metabolismo e Bioenergética.

2009 - 2010

Pós-Doutorado. , Universidade de São Paulo, USP, Brasil. , Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil. , Grande área: Ciências Biológicas, Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Bioquímica / Subárea: Metaproteômica. , Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Bioquímica / Subárea: Bioquímica dos Microorganismos.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2011 - 2011

Basic and Advanced Proteomic Techniques. (Carga horária: 160h). , Centro Nacional de Biotecnologia, CNB, Espanha.

2010 - 2010

Metagenômica microbiana: métodos e aplicações. (Carga horária: 80h). , Centro Brasileiro-Argentino de Biotecnologia, CBAB, Brasil.

2009 - 2009

Proteomics e Akta User Club Meeting. (Carga horária: 7h). , GE Healthcare lifesciences, GE, Brasil.

2005 - 2005

Curso de Bioinformática. (Carga horária: 4h). , Universidade Estadual de Campinas, UNICAMP, Brasil.

2005 - 2005

Biorremediação Ambiental. (Carga horária: 8h). , SERVMAR - Consultoria em Meio Ambiente Ltda, SERVMAR, Brasil.

2005 - 2005

Metagenômica. (Carga horária: 12h). , Universidade Estadual de Campinas, UNICAMP, Brasil.

2003 - 2003

Análise de Compostos Orgânicos no Ambiente. (Carga horária: 30h). , Universidade Federal do Rio Grande do Sul, UFRGS, Brasil.

2001 - 2001

Técnicas Avançadas Aplicadas a Microbiologia. (Carga horária: 15h). , Universidade Federal de Santa Maria, UFSM, Brasil.

2000 - 2000

Operador de micro I. (Carga horária: 100h). , Instituto de Cooperação e Desenvolvimento Econômico Social e Cultural, ICODES, Brasil.

2000 - 2000

Operador de micro II. (Carga horária: 70h). , Instituto de Cooperação e Desenvolvimento Econômico Social e Cultural, ICODES, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.

Espanhol

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Italiano

Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Bioquímica / Subárea: Bioquímica dos Microorganismos.

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Bioquímica / Subárea: Metaproteômica.

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Bioquímica / Subárea: Metaproteômica/Especialidade: Proteômica Ambiental.

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Ciência do Solo/Especialidade: Microbiologia e Bioquímica do Solo.

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Bioquímica / Subárea: Metabolômica.

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Genética / Subárea: Genética Molecular e de Microorganismos.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

SANTOS, E. C. . 6º Seminário de extensão e inovação (6º SEI). 2016. (Outro).

SANTOS, E. C. ; et al. . I Workshop Internacional sobre Microbiologia Ambiental. 2005. (Congresso).

SANTOS, E. C. ; et al. . IV Reunião Sul-Brasileira de Ciência do Solo.. 2002. (Congresso).

SANTOS, E. C. . Seminário estadfual de Irrigação 2001.. 2001. (Congresso).

SANTOS, E. C. . FERTBIO, XXIV Reunião Brasileira de Fertilidade do Solo e Nutrição de Plantas; VIII reunião Brasileira sobre Micorrizas; VI Simpósio Brasileiro de Microbiologia do solo; III Reunião Brasileira de Biologia ao Solo.. 2000. (Congresso).

SANTOS, E. C. . 3° encontro Brasileiro sobre Substâncias Húmicas.. 1999. (Congresso).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

3º Workshop em Biodegradação e Biorremediação.Metaproteômica de comunidades microbianas em solos contaminados por compostos orgânicos e metais. 2009. (Simpósio).

14th International Symposium on Environmental Pollution and its Impact on Life in the Mediterranean Region.METAPROTEOMICS OF SOILS FROM DOMINGO RUBIO STREAM (SW SPAIN). 2007. (Simpósio).

III Jornadas de Divulgación de la Investigación en Biología Molecular, Celular, Genética y Biotecnología. 2007. (Seminário).

X ENAMA-Encontro Nacional de Microbiologia Ambiental. 2006. (Encontro).

Workshop Internacional sobre Microbiologia Ambiental. 2005. (Congresso).

XXIX Congresso Brasileiro de Ciência do Solo. 2003. (Congresso).

IV Reunião Sul-Brasileira de Ciência do Solo. 2002. (Congresso).

III Seminário Nacional sobre Plantas Daninhas, Manejo e Controle em Plantio Direto..III Seminário Nacional sobre Plantas daninhas, Manejo e controle em Plantio Direto.. 2001. (Seminário).

Seminário estadual de irrigação por Aspersão. 2001. (Seminário).

XXVIII Congresso Brasileiro de Ciência do Solo.. 2001. (Congresso).

FERTBIO, XXIV Reunião Brasileira de Fertilidade do Solo e Nutrição de plantas; VII Reunião Brasileira sobre Micorrizas; VI Simpósio Brasileiro de Microbiologia do Solo; III Reunião Brasileira de Biologia do Solo.. 2000. (Congresso).

III Reunião Brasileira de Manejo e Conservação do Solo e da Água.. 2000. (Congresso).

XXVIII Reunião de Pesquisa de Soja da Região Sul.. 2000. (Encontro).

XXXIII Reunião técnica Anual do Feijão e IV reunião Sul Brasileira do Feijão.. 2000. (Simpósio).

3° Encontro Brasileiro Sobre Substâncias Húmicas.. 1999. (Encontro).

XIII SEAGRO, Semana Acadêmica da Agromia.. 1999. (Congresso).

1° Seminário Regional de Administração Rural.. 1994. (Seminário).

Jornada Técinca: Sitema de produção de arroz pré-germinado.. 1994. (Encontro).

Palestra sobre Fruticultura: Manejo e poda de rasáceas, plasticultura.. 1994. (Outra).

Semana Agropecuária. 1994. (Simpósio).

Palestra sobre ovinocultura.. 1993. (Outra).

Palestra sobre frango de corte.. 1992. (Outra).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

Aluno: Elisangela Franciscon Guimaro Dias

Durrant, Lucia Regina;SANTOS, E. C.SILVA, I.S.; Grossman, Matthew. Descoloração e degradação de Azocorantes por bactéias. 2010. Tese (Doutorado em Ciência de Alimentos) - Universidade Estadual de Campinas.

Aluno: Rafaella Costa Bonugli Santos

SANTOS, E. C.. Fungos isolados de macro-organismos marinhos brasileiros: diversidade genética e potencial biotecnológico. 2010. Tese (Doutorado em Ciência de Alimentos) - Universidade Estadual de Campinas.

Aluno: Danice Mazzer Luvizotto

ANDREOTE, F. D.; TAKETANI, R. G.;SANTOS, E. C.. DETECÇÃO E DIVERSIDADE DE BACTÉRIAS ANAMMOX EM SOLOS SOB DISTINTAS CONDIÇÕES AMBIENTAIS. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Microbiologia Agrícola) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Cristiane Cipola Fasanella

AZEVEDO, J. L.; Monteiro, R.T.R.;SANTOS, E. C.. Diversidade e funcionalidade fúngica na biorremediação de manguezais contaminados com petróleo. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Microbiologia Agrícola) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Rafael Leandro de Figueiredo Vasconcellos

Cerri, C.E.P.; Mello, I.S.;SANTOS, E. C.. Verificar. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Agronomia (Solos e Nutrição de Plantas)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Winston Franz Rios Ruiz

FIORI, M. F.;SANTOS, E. C.; TSAI, S. M.. Biogeografia de comunidades microbianas da filosfera de Maytenus robusta em diferentes biomas da Mata Atlântica. 2009. Exame de qualificação (Doutorando em PPG-Microbiologia Agrícola) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Gisele Lopes Nunes

FIORI, M. F.;SANTOS, E. C.; AZEVEDO, J. L.. Diversidade bacteriana na filosfera de diferentes plantas agrícolas comparadas com a de espécies arbóreas da Mata Atlântica. 2009. Exame de qualificação (Doutorando em PPG-Microbiologia Agrícola) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Marcela Arnaldo

SANTOS, E. C.. Isolamento e identificação de bactérias envolvidas na degradação de tetracloroetileno. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências biológicas) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Thiago Gumiere

SANTOS, E. C.. Diversidade de bactérias na micosfera de fungos micorrízicos de cana de açúcar. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade de São Paulo.

SANTOS, E. C.. Representante dos bolsistas no colegiado do Departamento de Solos da UFSM.. 2001. Universidade Federal de Santa Maria.

SANTOS, E. C.. Conselheiro Fiscal da Cooperativa dos Alunos da escola Agrotécnica Federal de São vicente do Sul-RS.. 1992. Escola Agrotécinica Federal de São Vicente do Sul Rs.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Ranulfo Monte Alegre

SATO, H. H.;SAMPAIO, R. M.ALEGRE, R. M.. Bioquimica e metaproteomica de solos contaminados por hidrocarbonetos na presença de metais pesados. 2008. Exame de qualificação (Doutorando em Ciência de Alimentos) - Universidade Estadual de Campinas.

PEDRO ALBERTO SELBACH

SELBACH, P. A.; PERALBA, M. do C. R.; TAVARES, F. C. A.. Biodegradação de antraceno estimulada por ferro. 2004. Dissertação (Mestrado em Ciência do Solo) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Alexandre Nunes Ponezi

DURRANT, Lucia R; OLIVEIRA, Valeria Maia; Tomaz Rose Marry Araújo Gondim; PRADO Marcelo Alexandre;PONEZI, A. N.DUARTE, Marta Cristina Teixeira. metaproteômica e bioquímica de solos contaminados por hidrocarbonetos e metais pesados. 2008. Tese (Doutorado em Engenharia de Alimentos) - Universidade Estadual de Campinas.

Rose Marry Araújo Gondim Tomaz

DURRANT, L. R.; PONEZI, A. N.; DUARTE, M. C. T.; PRADO, M. A.; OLIVEIRA, V. M.;Gondim-Tomaz, R.M.A.. Metaproteômica e Bioquíma de Solos Contaminados por Hidrocarbonetos e Matais Pesados. 2008. Tese (Doutorado em Faculdade de Engenharia de Alimentos) .

Marta Cristina Teixeira Duarte

DURRANT, Lucia;PONEZI, Alexandre NunesDUARTE, M. C. T.; PRADO, Marcelo Alexandre; OLIVEIRA, Valéria M; Tomaz, R M A G. Bioquímica e metaproteômica de solos contaminados por hidrocarbonetos e metais pesados. 2008. Tese (Doutorado em Ciência de Alimentos) - Universidade Estadual de Campinas.

Maria do Carmo Ruaro Peralba

PERALBA, M. C. R.; SELBACH, Pedro Alberto; TAVARES, F. C. A.. Biodegradação de Antraceno estimulada pelo Ferro. 2004. Dissertação (Mestrado em Fitotecnia) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Valeria Maia de Oliveira

OLIVEIRA, V. M.; DURRANT, L. R.; DUARTE, Marta Cristina; PONEZI, Alexandre N. Metaproteomica e bioquimica de solos contaminados com hidrocarbonetos e metais pesados. 2008. Tese (Doutorado em Ciência de Alimentos) - Universidade Estadual de Campinas.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Orientou

Adernanda Paula dos Santos

Projeto em definição; Início: 2019; Dissertação (Mestrado em Engenharia Ambiental: Análise e Tecnologia Ambiental) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná; (Orientador);

Vinicius Dorigoni

Engenharia de microbioma em plantas cultivadas; Início: 2018; Dissertação (Mestrado em Engenharia Ambiental: Análise e Tecnologia Ambiental) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná; (Orientador);

Eliane Aparecida de Souza Fanton

O papel da microbiota na conservação do solo; Início: 2018; Dissertação (Mestrado em Engenharia Ambiental: Análise e Tecnologia Ambiental) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná; (Orientador);

Daniela da Silva

Biodegradação de diesel no solo por consórcio microbiano; ; Início: 2017; Dissertação (Mestrado em Engenharia Ambiental: Análise e Tecnologia Ambiental) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná; (Orientador);

Bruna Regina Pereira Da Rocha

BIOCONTROLE DE DOENÇAS FÚNGICAS INCIDENTES EM SOJA; Início: 2015; Iniciação científica (Graduando em Tecnologia de Alimentos) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná; (Orientador);

Rafael Kenji Koike Shimabukura

PROSPECÇÃO DA DIVERSIDADE FUNCIONAL DA FILOSFERA DE ESPÉCIES DA MATA ATLÂNTICA ATRAVÉS DO EMPREGO DA METAPROTEÔMICA E METABOLÔMICA; Início: 2015; Iniciação científica (Graduando em Engenharia Ambiental) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná; (Orientador);

Rafael Henrique Vaz Pinto

PROSPECÇÃO DA DIVERSIDADE FUNCIONAL DA FILOSFERA DE ESPÉCIES DA MATA ATLÂNTICA ATRAVÉS DO EMPREGO DA METAPROTEÔMICA E METABOLÔMICA; Início: 2015; Iniciação científica (Graduando em Engenharia Química) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná; (Orientador);

Natalia Regina Marchese

Análise da composição de matéria prima e de ração para frangos através do NIR e sua correlação com contaminação fúngica; ; 2017; Dissertação (Mestrado em Tecnologia de alimentos) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná,; Coorientador: Eder da Costa dos Santos;

Michel Yudi Shinkai Kanemaru

Determinação do efeito antifúngico de Phaeosphaeria sp; isolado de goiaba contra fungos de relevância agroalimentar; ; 2017; Dissertação (Mestrado em Ciência de alimentos) - Universidade Estadual de Campinas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Coorientador: Eder da Costa dos Santos;

Rafael Kenji Koike Shimabukuro

Biodegradação de diesel no solo; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Engenharia Ambiental) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná; Orientador: Eder da Costa dos Santos;

Rubens Perez Calegari

BIOCONTROLE DE DOENÇAS FÚNGICAS INCIDENTES EM SOJA; 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Engenharia Ambiental) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná; Orientador: Eder da Costa dos Santos;

Michel Yudi Shinkai Kanemaru

PRODUÇÃO DE LEVEDURAS ?KILLER? A PARTIR O SORO DE LEITE COMO MEIO DE CULTURA E ESTUDO DE APLICAÇÃO "IN VITRO" E "IN VIVO" EM FUNGOS MICOTOXIGÊNICOS; 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Alimentos) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná; Orientador: Eder da Costa dos Santos;

Rafael Kenji Koike Shimabukuro

Biodegradação de diesel e gasolina no solo; 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Engenharia Ambiental) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná; Orientador: Eder da Costa dos Santos;

Michel Yudi Shinkai Kanemaru

PRODUÇÃO DE LEVEDURAS ?KILLER? A PARTIR O SORO DE LEITE COMO MEIO DE CULTURA E ESTUDO DE APLICAÇÃO; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Tecnologia de Alimentos) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná; Orientador: Eder da Costa dos Santos;

Rubens Perez Calegari

BIOCONTROLE DE DOENÇAS FÚNGICAS INCIDENTES EM SOJA; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Engenharia Ambiental) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná; Orientador: Eder da Costa dos Santos;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Márcio Rodrigues Lambais

2010; Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; Marcio Rodrigues Lambais;

Márcio Rodrigues Lambais

2010; Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Marcio Rodrigues Lambais;

Flávio Anastácio de Oliveira Camargo

Biodegradação de antraceno estimulada por ferro; 2004; 102 f; Dissertação (Mestrado em Ciência do Solo) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Flavio Anastacio de Oliveira Camargo;

Fátima Menezes Bento

Biodegradação de antraceno estimulada por ferro; 2004; Dissertação (Mestrado em CIENCIA DO SOLO - UFRGS) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Coorientador: Fatima Menezes Bento;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • BRAZIL, CRISLANE ; OLIVEIRA, DÉBORA FRANCIELLY DE ; DUARTE, RAFAEL AUGUSTO ; GALO, JULIANA MINARDI ; LUCCHETTA, LUCIANO ; Santos, Eder da Costa dos ; HASHIMOTO, ELISABETE HIROMI . β-Glucanase Addition in Brewing Malt Produced by Reduced Time of Germination. BRAZILIAN ARCHIVES OF BIOLOGY AND TECHNOLOGY (ONLINE) , v. 62, p. e19180315, 2019.

  • MARCHESE, N. R. ; PRADO, N. V. ; MACHADO-LUNKES, A. ; SANTOS, E. C. ; HASHIMOTO, E. H. . Espectroscopia NIR para análise da qualidade de soja inativada termicamente.. TECNOLOGIA & CIÊNCIA AGROPECUÁRIA , v. 12, p. 57-63, 2018.

  • MARCHESE, N. R. ; SANTOS, E. C. ; PRADO, N. V. ; MACHADO-LUNKES, A. ; HASHIMOTO, E. H. . INATIVAÇÃO DE SOJA (Glycine max. (L) Merril) POR TOSTAGEM E MICRO-ONDAS.. Higiene Alimentar , v. 31, p. 3891-3895, 2017.

  • LAMBAIS, M. R. ; BARRERA, S. E. ; SANTOS, E. C. ; CROWLEY, D. E. ; JUMPPONEN, A. . Phyllosphere Metaproteomes of Trees from the Brazilian Atlantic Forest Show High Levels of Functional Redundancy. MICROBIAL ECOLOGY (ONLINE) , v. 73, p. 123-134, 2017.

  • SANTOS, E. C. ; ARMAS, E. D. ; CROWLEY, D.E. ; LAMBAIS, M. R. . Artificial neural network modeling of microbial community structures in the Atlantic Forest of Brazil. Soil Biology & Biochemistry , v. 69, p. 101-109, 2014.

  • VALADARES, R. B. S. ; PEROTTO, S. ; SANTOS, E. C. ; LAMBAIS, M. R. . Proteome changes in Oncidium sphacelatum (Orchidaceae) at different trophic stages of symbiotic germination. Mycorrhiza (Berlin) , v. 24, p. 349-360, 2013.

  • DOS SANTOS, EDER DA C. ; SILVA, ISIS S. ; SIMÕES, TIAGO H.N. ; SIMIONI, KAREN C.M. ; OLIVEIRA, VALÉRIA M. ; GROSSMAN, MATTHEW J. ; DURRANT, LUCIA R. . Correlation of soil microbial community responses to contamination with crude oil with and without chromium and copper. International Biodeterioration & Biodegradation , v. 70, p. 104-110, 2012.

  • SILVA, I.S. ; SANTOS, E. C. ; Menezes, C.R. ; et al. . Degradation of lignosulfonic and tannic acids by ligninolytic soil fungi cultivated under microaerobic conditions. Brazilian Archives of Biology and Technology , v. 53, p. 693-699, 2010.

  • Silva, Ísis Serrano ; Santos, Eder da Costa dos ; Menezes, Cristiano Ragagnin de ; et al. . Bioremediation of a polyaromatic hydrocarbon contaminated soil by native soil microbiota and bioaugmentation with isolated microbial consortia. Bioresource Technology , v. 100, p. 4669-4675, 2009.

  • SANTOS, E ; JACQUES, R ; BENTO, F ; PERALBA, M ; SELBACH, P ; SA, E ; CAMARGO, F ; SANTOS, E. C. . Anthracene biodegradation and surface activity by an iron-stimulated Pseudomonas sp.. Bioresource Technology , v. 99, p. 2644-2649, 2008.

  • Jacques, Rodrigo J. S. ; SANTOS, E. C. ; Haddad, Renato ; Catharino, Rodrigo R. ; Eberlin, Marcos N. ; Bento, Fátima M. ; Camargo, Flávio A. de Oliveira . Mass spectrometry analysis of surface tension reducing substances produced by a pah-degrading Pseudomonas citronellolis strain. Brazilian Journal of Microbiology , v. 39, p. 353-356, 2008.

  • JACQUES, R ; SANTOS, E ; BENTO, F ; PERALBA, M ; SELBACH, P ; SA, E ; CAMARGO, F ; SANTOS, E. C. . Anthracene biodegradation by Pseudomonas sp. isolated from a petrochemical sludge landfarming site. International Biodeterioration & Biodegradation , v. 56, p. 143-150, 2005.

  • VIDAL, R. A. ; SANTOS, E. C. . Capítulo 9 - Outros tipos de interações positivas e suas utilizações para aumento da produtividade agrícola.. In: Ribas Antônio Vidal; Eder da Costa dos Santos. (Org.). Interações positivas entre plantas que aumentam a produtividade agrícola.. 1ed.Porto Alegre: Evangraf, 2014, v. 1, p. 134-145.

  • SANTOS, E. C. ; CHICANO, E.G. ; et al. . METAPROTEOMICS OF SOILS FROM DOMINGO RUBIO STREAM (SW SPAIN). In: 14th International Symposium on Environmental Pollution and its Impact on Life in the Mediterranean Region, 2007, Sevilla, Espanha. Fresenius Environmental Bulletin, 2007.

  • SHIMABUKURO, R. K. K. ; SANTOS, E. C. . Redundância funcional na filosfera da Mata Atlântica. In: Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica da UTFPR, 2017, Londrina-PR. Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica da UTFPR, 2017.

  • MACHADO-LUNKES, A. ; STADLER, F. ; ADRIA, A. ; BRETSCHNEIDER, F. G. B. ; SANTOS, E. C. . CONCENTRAÇÃO INIBITÓRIA MÍNIMA DO CARVACROL FRENTE A FUNGOS DETERIORANTES DE FRUTAS. In: IV Congresso de Ciência e Tecnologia e I Mostra Científica da Pós-Graduação da UTFPR, 2017, Dois Vizinhos-PR. IV Congresso de Ciência e Tecnologia e I Mostra Científica da Pós-Graduação da UTFPR, 2017.

  • SIMÕES, T.H.N. ; SANTOS, E. C. ; et al. . High throughput screening for detection of hydrolytic enzymes in metagenomic library. In: 12 th Brazilian Meeting on Organic Syntesis, 2007, Itapema. Anais do 12 th Brazilian Meeting on Organic Syntesis, 2007.

  • SANTOS, E. C. ; Crowley, D ; Lambais, MR . COMPARATIVE METAPROTEOMICS APPLIED TO PHYLLOSPHERE OF TREE SPECIES FROM ATLANTIC FOREST. In: ISME - International Society for Microbial Ecology Meeting, 2010, Seattle, WA. ISME - International Society for Microbial Ecology Meeting, 2010.

  • Gómez, S.P.M. ; SANTOS, E. C. ; Lambais, MR . Biological Nitrogen Fixation in Soil and Litter of an Atlantic Forest. In: 12 th International Symposium on Biological Nitrogen Fixation with Non-Legumes and 2 th International INCT Symposium on Biological Nitrogen Fixation, 2010, Búzios, RJ. 12 th International Symposium on Biological Nitrogen Fixation with Non-Legumes and 2 th International INCT Symposium on Biological Nitrogen Fixation, 2010.

  • SANTOS, E. C. ; Crowley, D ; Lambais, MR . Functional diversity in the phyllosphere: a metaproteomic approach. In: Congresso Brasileiro de Microbiologia, 2009, Porto de Galinhas. Anais do Congresso Brasileiro de Microbiologia, 2009.

  • SANTOS, E. C. ; CHICANO, E.G. ; ALHAMA, J ; Fernández-Caliani, J.C. ; Gómez- Ariza, J.L. ; LÓPEZ-BAREA, J. . ESTUDIOS METAPROTEÓMICOS EN SUELOS DEL ESTERO DE DOMINGO RUBIO. In: XVII Jornadas de la Sociedad Española de Mutagénesis Ambiental, 2008, Sevilla. XVII Jornadas de la Sociedad Española de Mutagénesis Ambiental, 2008.

  • SANTOS, E. C. ; CHICANO, E.G. ; et al. . FUNCTIONAL METAPROTEOME ANALYSIS OF SOILS FROM DOMINGO RUBIO STREAM (SW SPAIN). In: 24 Congresso Brasileiro de Microbiologia, 2007, Brasília. Anais do 24 Congresso Brasileiro de Microbiologia, 2007.

  • SANTOS, E. C. ; SIMÕES, T.H.N. ; et al. . Alteração da comunidade bacteriana autóctone de um solo contaminado com óleo cru e Cr(VI). In: x ENAMA- Encontro Nacional de Microbiologia Ambiental, 2006, Goiânia. Anais do x ENAMA- Encontro Nacional de Microbiologia Ambiental, 2006.

  • SILVA, I.S. ; SANTOS, E. C. ; et al. . Monitoring the Performance of Consortia and Co-culture in the Bioaugmentation of a PAHs-Contaminated Soil Microcosm. In: II Brazilian Symposium of Petroleum Biotechnology, 2006, Natal. Anais do II Brazilian Symposium of Petroleum Biotechnology, 2006.

  • SANTOS, E. C. ; JACQUES, R. J. S. ; et al. . Anthracene degradation and surfactant production by an iron induced Pseudomonas sp.. In: II Brazilian Symposium of Petroleum Biotechnology, 2006, Natal. Anais do II Brazilian Symposium of Petroleum Biotechnology, 2006.

  • SANTOS, E. C. ; Durrant, L. ; et al. . Biorremediação de um solo contaminado com hidrocarboneto policíclico aromático. In: x ENAMA- Encontro Nacional de Microbiologia Ambiental, 2006, Goiânia. Anais do x ENAMA- Encontro Nacional de Microbiologia Ambiental, 2006.

  • SANTOS, E. C. ; JACQUES, R. J. S. ; et al. . Isolamento e identificação de Bactérias Degradadoras de Antraceno.. In: I Workshop Internacional sobre Microbiologia Ambiental, 2005, Campinas. Anais do I Workshop Internacional sobre Microbiologia Ambiental, 2005.

  • SANTOS, E. C. ; JACQUES, R. J. S. ; et al. . Biodegradação de Antraceno e Produção de Biossurfactantes por Pseudomonas spp.. In: I Workshop Internacional sobre Microbiologia Ambiental, 2005, Campinas. Anais do I Workshop Internacional sobre Microbiologia Ambiental, 2005.

  • SANTOS, E. C. ; JACQUES, R. J. S. ; et al. . Degradação de antraceno por Pseudomonas spp. estimulada por ferro.. In: V Reunião Sul-Brasileira de Ciência do Solo, 2004, Florianópolis. Anais do V Reunião Sul-Brasileira de Ciência do Solo, 2004.

  • JACQUES, R. J. S. ; SANTOS, E. C. ; et al. . Isolamento e identificação de bactérias do solo que degradam antraceno.. In: V Reunião Sul-Brasileira de Ciência do Solo, 2004, Florianópolis. Anais do V Reunião Sul-Brasileira de Ciência do Solo, 2004.

  • SILVA, K.J. ; SANTOS, E. C. ; et al. . Biodegradação de hidrocarbonetos aromáticos policíclicos por bactérias do solo estimuladas por ferro. In: XVI Salão de Iniciação Científica da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, 2004, Porto Alegre. Anais do XVI Salão de Iniciação Científica da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, 2004.

  • SANTOS, E. C. ; FRIES, M. R. . Análise do desenvolvimento de espécies de Azolla na região de Santa Maria-RS. In: Congresso Brasileiro de Ciência do Solo, 2001, Londrina. Anais do Congresso Brasileiro de Ciência do Solo, 2001.

  • SANTOS, E. C. ; FRIES, M. R. ; JACQUES, R. J. S. . Avaliação de bactérias totais no rizoplano e endorrzioplano das raízes das plantas. In: Congresso Brasileiro de Ciência do Solo, 2001, Londrina. Anais do Congresso Brasileiro de Ciência do Solo, 2001.

  • SANTOS, E. C. ; WERNER, V. ; PESSOA, C. ; HÜBNER, A. P. . Análise da daptabilidade climática da Azolla na região de Santa Maria. In: XII Salão de iniciação científica e IX feira de iniciação científica, 2000, Porto Alegre. XII Salão de iniciação científica e IX feira de iniciação científica, 2000.

  • SANTOS, E. C. ; CUBILLA, M. ; GIACOMINI, S. ; CHIAPINOTTO, I. ; NICOLOSO, R. ; FRIES, M. R. ; AITA, C. . Produção de fitomassa por leguminosas de verão e disponibilidade de nitrogênio à cultura da Aveia(Avena strigosa Shib). In: XII Salão de iniciação científica e IX feira de iniciação científica, 2000, Porto Alegre. Anais do XII Salão de iniciação científica e IX feira de iniciação científica, 2000.

  • WERNER, V. ; PESSOA, C. ; FRIES, M. R. . Avaliação da sobrevivência de microrganismos fecais em esterco de suínos. In: XII Salão de iniciação científica e IX feira de iniciação científica, 2000, Porto Alegre, 2000.

  • SANTOS, E. C. ; FRIES, M. R. ; ANTONIOLLI, Z. ; SAMANIEGO, M. P. . Dinâmica da população microbiana sob sistema de plantio direto. In: FERTBIO, 2000, Santa Maria. Anais da FERTBIO, 2000.

  • SANTOS, E. C. . Metaproteômica: acessando a diversidade funcional. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • SANTOS, E. C. . Metaproteômica: ?acessando a diversidade funcional de comunidades microbianas?. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • SANTOS, E. C. . Metaproteômica: acessando a diversidade funcional de comunidades microbianas. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • SANTOS, E. C. . Uso de metaproteômica para o estudo da diversidade funcional de comunidades microbianas. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • SANTOS, E. C. . Metaproteômica de solos contaminados por compostos orgânicos e metais pesados. 2009. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • SANTOS, E. C. . Functional diversity in the phyllosphere: a metaproteomic approach. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • SANTOS, E. C. . Metaproteômica de comunidades microbianas em solos contaminados por compostos orgânicos e metais. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • SANTOS, E. C. . Era "ÔMICA" da genômica à proteômica. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • SANTOS, E. C. ; CHICANO, E.G. ; ALHAMA, J ; López-Barea, J . ESTUDIOS METAPROTEÓMICOS EN SUELOS DEL ESTERO DE DOMINGO RUBIO. 2008. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

SANTOS, E. C. . Portal do I Workshop Internacional sobre Microbiologia Ambiental. 2005.

SANTOS, E. C. . CD Rom - I Workshop Internacional sobre Microbiologia Ambiental. 2005.

RHEINHEIMER, D. S. ; AITA, C. ; SANTOS, E. C. ; et al. . Monitoramento Ambiental de Microbacias Hidrográficas - Execução do subprojeto 4: Caracterização física, química e biológica dos solos na Microbacia Hidrográfica de Cândido Brum, Arvorezinha, RS.. 2001.

RHEINHEIMER, D. S. ; AITA, C. ; SANTOS, E. C. ; et al. . Monitoramento Ambiental de Microbacia Hidrográfica - Execução do Subprojeto 4:Caracterização física, química e biológica dos solos na Microbacia do Arroio Lino, Nova Boemia, Agudo, RS.. 2001.

RHEINHEIMER, D. S. ; AITA, C. ; SANTOS, E. C. ; et al. . Monitoramento Ambiental de Microbacia Hidrográfica - Execução do Subprojeto 4:Caracterização física, química e biológica dos solos na Microbacia de Passo do Meio, Cristal, RS.. 2001.

RHEINHEIMER, D. S. ; AITA, C. ; SANTOS, E. C. ; et al. . Monitoramento Ambiental de Microbacia Hidrográfica - Execução do subprojeto 4: Caracterização física, química e biológica dos solos na Microbacia do Rio Inhandava (Setor do Lajeado Rodrigues), Maximiliano de Almeida, RS.. 2001.

SANTOS, E. C. . Anais do I Workshop Internacional sobre Microbiologia ambiental. 2005. (Editoração/Anais).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2017 - Atual

    Modelagem dos processos erosivos na mesorregião do Sudoeste do Paraná através da análise massiva das propriedades químicas, físicas e biológicas do solo utilizando rede neural artificial., Descrição: Os processos erosivos no solo variam em toda a paisagem, mas predominantemente em solos agrícolas, sendo a predição um enorme desafio devido ao grande número de variáveis bióticas, abióticas, e variabiliade espacial, que influenciam no processo. Isso significa que certos resultados determinados são causados pela ação e a iteração de elementos de forma praticamente aleatória. Além disso, mesmo que o número de fatores influenciando um determinado resultado seja pequeno, ainda assim a ocorrência do resultado esperado pode ser instável, desde que o sistema seja não-linear, tal como sistemas ambientais abertos como o caso dos solos. A consequência desta instabilidade dos resultados é que mesmo sistemas determinísticos (os quais tem resultados determinados por leis bem definidas) apresentem uma grande sensibilidade a perturbações (ruído) e erros, o que leva a resultados que são, na prática, imprevisíveis ou aleatórios, ocorrendo ao acaso. Mesmo em sistemas nos quais não há ruído, erros microscópicos na determinação do estado inicial e atual do sistema podem ser amplificados pela não-linearidade ou pelo grande número de interações entre os componentes, levando ao resultado aleatório. Assim, esta proposta, prevê o uso de modelos de Redes Neurais Artificiais (RNA) para extração de padrões entre variáveis químicas, físicas e biológicas, em diferentes condições de manejo agrícola oriundos de megapercelas experimentais. Em síntese, o presente subprojeto objetiva compilar, padronizar, analisar e interpretar, de forma massiva, todos os resultados, de todos os subprojetos da mesorregião Sudoeste do Paraná, gerados a partir do mensuramento quantitativo dos atributos químicos, físicos e biológicos, simultaneamente, visando a predição conjunta e iterativa dos fatores com maior influência direta no processo erosivo, utilizando modelos não-lineares.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Eder da Costa dos Santos - Coordenador., Financiador(es): Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2016 - Atual

    Bioprospecção de microrganismos lignocelulolíticos para decomposição da cama de frango com aplicação na geração de biogás, Descrição: Este projeto visa bioprospectar fungos filamentosos e actinomicetos com atividade ligninocelulolítica destinados a decomposição de cama de aviário. A cama de aviário constitui um excelente produto para geração de biogás em biodigestores, entretanto, devido a sua composição rica em celulose e lignina o processo de decomposição acaba sendo dificultado pela ação de microrganismos. Assim, a obtenção de linhagens que apresentam alta eficiência na decomposição destes compostos, pode servir como inóculo otimizando o processo e resultando em maior quantidade de biogás, minimizando os impactos ambientais gerados pelo resíduo da cama de aviário e ainda contribuindo significativamente para geração de renda ao produtor rural.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Eder da Costa dos Santos - Coordenador / Cleverson Busso - Integrante.

  • 2014 - Atual

    Controle de Fusarium Micotoxigênico, visando Qualidade e Segurança Alimentar na Cadeia Produtiva de Milho e Trigo, Descrição: O Brasil tem na agricultura uma potente base da economia, cujo desenvolvimento econômico depende da superação de barreiras fitossanitárias para valorizar produtos nacionais e aumentar a exportação. Entretanto, a falta de controle resulta numa perda/contaminação considerável, afetando a qualidade e segurança do produto final. No contexto, espécies de Fusarium micotoxigênicos tem sido preocupação constante, devido aos riscos de contaminação de milho e trigo, por fumonisinas e desoxinivalenol. Para que se possa prover de informações para a política nacional de desenvolvimento, qualidade e segurança alimentar é necessário a avaliação da contaminação de diversas micotoxinas em vários tipos de alimentos. Sendo assim, as pesquisas e o monitoramento devem abranger principalmente as regiões produtoras de alimentos, garantindo melhor controle na cadeia de produção. Este projeto tem como objetivo monitorar a cadeia produtiva de milho (frango) e trigo na região Sudoeste do Paraná e Oeste de Santa Catarina. Assim como avançar os estudos de biocontrole e biodegradação de micotoxinas... , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Eder da Costa dos Santos - Coordenador / Elisabete Hiromi Hashimoto - Integrante / Alexandre Rodrigo Coelho - Integrante / Elisa Yoko Hirooka - Integrante / Alessandra Machado-Lunkes - Integrante.

  • 2014 - Atual

    PROSPECÇÃO DA DIVERSIDADE FUNCIONAL DA FILOSFERA DE ESPÉCIES DA MATA ATLÂNTICA ATRAVÉS DO EMPREGO DA METAPROTEÔMICA E METABOLÔMICA, Descrição: A superfície das folhas, denominada filosfera, abriga uma grande diversidade de microrganismos, bactérias em sua maioria, podendo alcançar uma população total de aproximadamente 10^6 a 10^7 células/cm2. Considerando a imensa variedade de espécies vegetais existentes e distribuídas no planeta, podemos presumir que se trata de um dos maiores reservatórios terrestre de diversidade microbiana. Muito embora a filosfera das plantas seja praticamente inexplorada, estudos revelaram uma riqueza biológica sem precedentes que desponta como um dos grandes desafios para a ecologia microbiana. O Brasil é um país que se distingue dos demais por sua riqueza biológica, abrigando um grande número de distintos biomas. Dentre os principais biomas brasileiros podemos destacar a Mata Atlântica. Essa merece especial atenção devido à riqueza da biodiversidade de seus ecossistemas e seu preocupante estado de degradação. Restando atualmente apenas 5% de sua cobertura original, ainda assim, possui uma exuberante vegetação composta por 20.000 espécies de árvores, sendo que metade destas são consideradas espécies endêmicas. Tais características a tornam um singular universo microbiano, estimando-se que possam existir entre 2 e 13 milhões de novas espécies microbianas somente na filosfera, que confere um vastíssimo potencial biotecnológico ainda por ser explorado. A principal limitação para realização de estudos destas comunidades advém basicamente da impossibilidade do cultivo ?in vitro? da imensa maioria das espécies microbianas colonizadoras destes habitats. Porém, o desenvolvimento de técnicas moleculares, independentes de cultivo e, baseadas na análise do DNA, possibilitaram ao nosso grupo de pesquisa revelar uma complexa diversidade filogenética. Embora tais informações levantadas sejam decisivas para o avanço no entendimento da ecologia destas comunidades, pouco pode ser apurado a cerca da precisa dinâmica funcional frente às alterações ambientais naturais e/ou antrópicas, bem como da prospecção de compostos bioativos de interesse biotecnológico. Atualmente, com a evolução dos equipamentos para a análise em larga escala de proteínas e metabólitos, e o crescente número de estudos de metaproteômica e metabolômica ambiental, sabe-se que é possível realizar investigações criteriosas sobre específicas alterações fisiológicas nos microrganismos de um ambiente, seus principais mecanismos de regulação, assim como apontar a presença de compostos bioativos, as quais não são possíveis utilizando-se qualquer outra técnica conhecida até o presente momento. Assim, o presente projeto tem como objetivo caracterizar e prospectar a diversidade funcional microbiana da filosfera de espécies arbóreas da Mata Atlântica, usando abordagens metaproteômicas e metabolômicas, complementando os estudos previamente realizados pelo nosso grupo de pesquisa.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Eder da Costa dos Santos - Coordenador / Marli de Fátima Fiori - Integrante / Marcio Lambais - Integrante / Fernando Dini Andreote - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2014 - Atual

    BIOCONTROLE DE FITOPATÓGENOS FÚNGICOS INCIDENTES EM SOJA, Descrição: As doenças fúngicas ocorrentes na cultura da soja constituem o principal entrave para obtenção de altos rendimentos de produção. Como consequência, o uso dispendioso de agrotóxicos para contornar o problema vem causando sérios distúrbios ambientais, como a contaminação do solo e dos recursos hídricos, que impactam seriamente os ecossistemas no entorno das lavouras. A substituição dos agroquímicos sintéticos por substâncias bioativas naturais, de origem microbiana (biocontrole), pode ser uma alternativa viável para sobrepor os problemas ambientais decorrentes do uso de fungicidas. O presente trabalho tem por objetivo avaliar potencial antagônico de leveduras killer no biocontrole de fungos fitopatogênicos ocorrentes na cultura da soja.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Eder da Costa dos Santos - Coordenador / Elisabete Hiromi Hashimoto - Integrante / Alexandre Rodrigo Coelho - Integrante / Alessandra Machado LUNKES - Integrante.

  • 2013 - Atual

    Solubilidade de fósforo no solo em função da interação com plantas de cobertura, Descrição: As pesquisas com fertilidade do solo nos últimos tempos tem focado na melhor utilização dos solos agrícolas, com adequada exploração dos nutrientes disponíveis. Um destes nutrientes é o fósforo (P), o qual é um dos mais limitantes em solos tropicais, sobretudo em função da interação do elemento com os constituintes inorgânicos e orgânicos do solo, intimamente relacionados com o manejo e com as culturas a que estão submetidos. O objetivo principal do presente trabalho é avaliar as mudanças na disponibilidade e frações de P no solo pela atuação de plantas de cobertura com sistema radicular com potencial de solubilização deste nutriente, buscando melhorar a eficiência de utilização de fontes fosfatadas de menor solubilidade. Para responder a esse objetivo, um experimento será implantado na Fazenda Areão, unidade experimental da ESALQ/USP, no município de Piracicaba-SP. O solo da área é um Latossolo Vermelho distrófico. O experimento terá duração de três anos e será composto dos seguintes tratamentos: (a) quatro culturas de cobertura: milheto (Pennisetum glaucum), braquiária (Brachiaria ruziziensis), crotalária (Crotalária juncea), guandú anão (Cajanus cajan), além de tratamento controle (pousio), e (b) três fontes de fósforo: superfosfato simples, fosfato natural reativo e controle... , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) . , Integrantes: Eder da Costa dos Santos - Coordenador / Fernando Dini Andreote - Integrante / MARCIO RODRIGUES LAMBAIS - Integrante / Paulo Sérgio Pavinato - Integrante.

  • 2009 - 2013

    METAPROTEÔMICA MICROBIANA NA FILOSFERA DA MATA ATLÂNTICA, Descrição: A filosfera abriga uma grande diversidade de microrganismos, bactérias em sua maioria, podendo alcançar uma população total de aproximadamente 106 a 107 células/cm2 (Beattie & Lindow, 1995; Andrews & Harris, 2000). Embora a filosfera das plantas seja praticamente inexplorada, recentes estudos revelaram uma riqueza biológica sem precedentes que desponta como um dos grandes desafios para a ecologia microbiana (Jacques et al., 1995). No Brasil, a Mata Atlântica possui atualmente apenas 5% de sua cobertura original, e ainda assim, possui uma exuberante vegetação composta por 20.000 espécies de árvores, sendo que metade destas são consideradas espécies endêmicas (MAB-UNESCO, 2001). Estas características a tornam um singular universo microbiano, estimando-se que possam existir entre 2 e 13 milhões de novas espécies microbianas somente na filosfera (Lambais et al., 2006). A principal limitação para realização de estudos destas comunidades advém basicamente da impossibilidade do cultivo ?in vitro? da imensa maioria das espécies microbianas colonizadoras destes habitats (Yang et al., 2001). Com a evolução dos equipamentos para a análise em larga escala de proteínas (proteômica), e o crescente número de estudos de proteômica ambiental, sabe-se que é possível realizar investigações criteriosas sobre específicas alterações fisiológicas nos microrganismos de um ambiente, bem como apontar seus principais mecanismos de regulação, as quais não são possíveis utilizando-se qualquer outra técnica conhecida até o presente momento. A proposta deste projeto é caracterizar a diversidade funcional microbiana da filosfera de espécies arbóreas da Mata Atlântica usando uma abordagem metaproteômica.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Eder da Costa dos Santos - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2009 - 2012

    DIVERSIDADE MICROBIANA NA FILOSFERA E SOLO DA MATA ATLÂNTICA, Descrição: Em trabalhos anteriores desenvolvidos em nosso laboratório foi observado que diferentes espécies vegetais selecionam comunidades bacterianas distintas, e que cada espécie vegetal pode abrigar um número apreciável de espécies bacterianas desconhecidas na filosfera. Nossa estimativa é de que a Mata Atlântica possa conter entre 2 e 13 milhões de novas espécies bacterianas somente na filosfera. Em outro trabalho desenvolvido em uma parcela permanente de 10 ha no Parque Estadual de Carlos Botelho foi observado que as estruturas das comunidades bacterianas da filosfera de plantas mais próximas filogeneticamente são mais similares entre si do que as estruturas das comunidades de plantas mais distantes filogeneticamente. Outro dado interessante é que, mesmo considerando‐se a variabilidade espacial da estrutura das comunidades de bactérias da filosfera de plantas da mesma espécie localizadas em diferentes posições geográficas na parcela permanente, essa variação é menor do que aquela observada entre indivíduos de espécies diferentes. Esses dados sugerem que as populações bacterianas na filosfera são selecionadas pela espécie vegetal, e que cada espécie vegetal possui uma comunidade bacteriana única na filosfera. A análise das comunidades bacterianas associadas à casca das mesmas espécies arbóreas revelou menor riqueza de espécies, com dominância de poucos gêneros, quando comparado à filosfera, e uma estrutura de comunidade igualmente determinada pela espécie vegetal. Já, o solo sob a copa das árvores amostradas apresentou comunidades bacterianas com maior riqueza de espécies, em relação à filosfera e casca, mas menor variabilidade espacial na floresta e menor dependência em relação à espécie vegetal sob a copa da qual a amostra foi coletada. No geral, esses dados apontam para um novo paradigma na ecologia microbiana: a diversidade microbiana associada às superfícies das plantas pode ser tão elevada quanto aquela observada no solo, considerado o ambiente com maior div. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (3) Doutorado: (3) . , Integrantes: Eder da Costa dos Santos - Coordenador / Marli de Fátima Fiori - Integrante / Marcio Lambais - Integrante / David Crowley - Integrante / Ari Jumpponen - Integrante / Ludwig Pfenning - Integrante.

  • 2005 - 2007

    Produção de biosurfactantes por microorganismos e/ou consórcios microbianos para biorremediação de ambientes. 33003017027P-1 CIÊNCIA DE ALIMENTOS - UNICAMP, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Eder da Costa dos Santos - Integrante / Durrant, L. - Coordenador.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Prêmios

1995

Honra ao mérito, Ministério do Exército.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Campus Francisco Beltrão. , AC Prof. Eder Santos, Centro, 85601970 - Francisco Beltrão, PR - Brasil - Caixa-postal: 9, Telefone: (46) 35202608, URL da Homepage:

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2002 - 2004

    Universidade Federal do Rio Grande do Sul

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de mestrado

  • 2004 - 2008

    Universidade Estadual de Campinas

    Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de doutorado

  • 2006 - 2006

    Universidade Estadual de Campinas

    Vínculo: Livre, Enquadramento Funcional: Professor Auxiliar, Carga horária: 8

    Outras informações:
    Participação no Programa de Especial em Docente (PED) desenvolvido pela Unicamp para o aperfeiçoamento técnico e didático de seus alunos de pós-graduação para o ensino de graduação exercendo a função de professor auxiliar. curso graduação em Engenharia de alimentos, TA 918-Microbiologia e fermentações, noturno.

  • 2005 - 2005

    Universidade Estadual de Campinas

    Vínculo: Livre, Enquadramento Funcional: Professor Auxiliar, Carga horária: 8

    Outras informações:
    Participação no Programa de Especial em Docente (PED) desenvolvido pela Unicamp para o aperfeiçoamento técnico e didático de seus alunos de pós-graduação para o ensino de graduação exercendo a função de professor auxiliar. curso graduação em Engenharia de Alimentos, TA 918-Microbiologia e Fermentações, Noturno

  • 2005 - 2005

    Universidade Estadual de Campinas

    Vínculo: Livre, Enquadramento Funcional: Professor Auxiliar, Carga horária: 8

    Outras informações:
    Participação no Programa de Especial em Docente (PED) desenvolvido pela Unicamp para o aperfeiçoamento técnico e didático de seus alunos de pós-graduação para o ensino de graduação exercendo a função de professor auxiliar. curso graduação em Química tecnológica,TA 603-Microbiologia de Alimnetos , noturno.

  • 2009 - 2013

    Universidade de São Paulo

    Vínculo: Pós-doutorado, Enquadramento Funcional: Livre, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    RESUMO PROJETO: A filosfera abriga uma grande diversidade de microrganismos, bactérias em sua maioria, podendo alcançar uma população total de aproximadamente 106 a 107 células/cm2 (Beattie & Lindow, 1995; Andrews & Harris, 2000). Embora a filosfera das plantas seja praticamente inexplorada, recentes estudos revelaram uma riqueza biológica sem precedentes que desponta como um dos grandes desafios para a ecologia microbiana (Jacques et al., 1995). No Brasil, a Mata Atlântica possui atualmente apenas 5% de sua cobertura original, e ainda assim, possui uma exuberante vegetação composta por 20.000 espécies de árvores, sendo que metade destas são consideradas espécies endêmicas (MAB-UNESCO, 2001). Estas características a tornam um singular universo microbiano, estimando-se que possam existir entre 2 e 13 milhões de novas espécies microbianas somente na filosfera (Lambais et al., 2006). A principal limitação para realização de estudos destas comunidades advém basicamente da impossibilidade do cultivo ?in vitro? da imensa maioria das espécies microbianas colonizadoras destes habitats (Yang et al., 2001). Com a evolução dos equipamentos para a análise em larga escala de proteínas (proteômica), e o crescente número de estudos de proteômica ambiental, sabe-se que é possível realizar investigações criteriosas sobre específicas alterações fisiológicas nos microrganismos de um ambiente, bem como apontar seus principais mecanismos de regulação, as quais não são possíveis utilizando-se qualquer outra técnica conhecida até o presente momento. A proposta deste projeto é caracterizar a diversidade funcional microbiana da filosfera de espécies arbóreas da Mata Atlântica usando uma abordagem metaproteômica.

  • 2013 - Atual

    Universidade Tecnológica Federal do Paraná

    Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor Adjunto, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.