Márcia de Oliveira Nobre

Possui graduação em Medicina Veterinária pela Universidade Federal de Pelotas (1984), mestrado em Veterinária pela Universidade Federal de Pelotas (1997) e doutorado em Ciências Veterinárias pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2004) e pós-doutorado na Universidade Federal de Pelotas (2005). Atualmente é professor associado da Universidade Federal de Pelotas e coordenadora do Grupo de Pesquisa, Ensino e Extensão em Clínica de Pequenos Animais (ClinPet) e coordenadora da área de intervenções mediadas por animais (Pet terapia) no Programa de Residência Multiprofissional (UFPel) e orientadora no Programa de Pós-graduação em Veterinária e no Programa de Pós-graduação em Parasitologia. Tem experiência na área de Medicina Veterinária, com ênfase em clínica médica de pequenos animais, desenvolvimento de produtos terapêuticos e intervenções mediadas por animais (atividade, educação e terapia).

Informações coletadas do Lattes em 24/06/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em Ciências Veterinárias

2001 - 2004

Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Título: Avaliação da virulencia de diferentes cepas de Sporothrix schenckii
Laerte Ferreiro. Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Palavras-chave: Sporothrix schenckii; Melanina; inoculação experimental.Grande área: Ciências AgráriasSetores de atividade: Produtos e Processos Biotecnológicos; Cuidado À Saúde das Pessoas.

Mestrado em Veterinária

1995 - 1997

Universidade Federal de Pelotas
Título: Ocorrência da Malassezia pachydermatis e de outros agentes infecciosos em cães hígidos, oto e dermopatas,Ano de Obtenção: 1997
Mário Carlos Araújo Meireles.Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Palavras-chave: Malassezia pachydermatis; Otite; Dermatite; Cães.Grande área: Ciências AgráriasSetores de atividade: Outros Setores.

Especialização em Licenciatura Plena Com Habilitação Em Zooiatria

1999 - 1999

Universidade Católica de Pelotas

Especialização em Habilitação Em Metodologia do Ensino

1996 - 1997

Universidade Católica de Pelotas

Graduação em Medicina Veterinária

1980 - 1984

Universidade Federal de Pelotas

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Pós-doutorado

2005 - 2005

Pós-Doutorado. , Universidade Federal de Pelotas, UFPEL, Brasil. , Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil. , Grande área: Ciências Agrárias, Grande Área: Ciências Agrárias / Área: Medicina Veterinária / Subárea: Clínica e Cirurgia Animal / Especialidade: Clínica Veterinária. , Grande Área: Ciências Agrárias / Área: Medicina Veterinária / Subárea: Patologia Animal / Especialidade: Patologia Clínica Animal.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2013 - 2013

Seminário de Responsabilidade Técnica. (Carga horária: 4h). , Conselho Regional de Medicina Veterinária do RS, CRMV-RS, Brasil.

2010 - 2010

Curso Internacional de Cardiologia - Teórico Práti. (Carga horária: 20h). , Associação Nacional de Clínicos Veterinários de Pequenos Animais - RS, ANCLIVEPA-RS, Brasil.

2010 - 2010

Medicina Interna: Hepatopatias relacionadas às Nef. (Carga horária: 4h). , Associação Nacional de Clínicos Veterinários de Pequenos Animais - RS, ANCLIVEPA-RS, Brasil.

2010 - 2010

Redação Científica. (Carga horária: 17h). , Universidade Federal de Pelotas, UFPEL, Brasil.

2010 - 2010

1º Curso Sobre Avanços em Nutrição Animal e Formul. (Carga horária: 20h). , Instituto Federal Sul-Rio-Grandense, IFSUL, Brasil.

2009 - 2009

Extensão universitária em Anestesiologia Veterinária. (Carga horária: 60h). , Universidade Federal de Pelotas, UFPEL, Brasil.

2009 - 2009

Extensão universitária em Zooterapia. (Carga horária: 12h). , Sociedade de Veterinários da Região Sul, SOVERGS, Brasil.

2009 - 2009

Extensão universitária em Fórum Mundial de Educação Profissional e Tecnológi. (Carga horária: 40h). , Ministério da Educação, MEC, Brasil.

2009 - 2009

Coração ou Pulmão: O Dilema Diagnóstico. (Carga horária: 2h). , Ensino e Qualificação Superior, EQUALIS, Brasil.

2007 - 2007

Extensão universitária em Otopatias. (Carga horária: 4h). , Associação Nacional de Clínicos Veterinários de Pequenos Animais - RS, ANCLIVEPA-RS, Brasil.

2007 - 2007

Curso de Dermatopatias de Fundo Endócrino. (Carga horária: 3h). , Associação Nacional de Clínicos Veterinários de Pequenos Animais - RS, ANCLIVEPA-RS, Brasil.

2007 - 2007

Simpósio Internacional de Dermatologia Veterinária. (Carga horária: 15h). , Associação Patronal dos Médicos Veterinários do RS, PATRONAL RS, Brasil.

2006 - 2006

Extensão universitária em Cardiologia Veterinária. (Carga horária: 4h). , Associação Nacional de Clínicos Veterinários de Pequenos Animais, ANCLIVEPA, Brasil.

2005 - 2005

Extensão universitária em Dermatologia de Pequenos Animais. (Carga horária: 4h). , Associação Nacional de Clínicos Veterinários de Pequenos Animais, ANCLIVEPA, Brasil.

2003 - 2003

Extensão universitária em Micoses Animais e Humanas. , Universidade Federal de Pelotas, UFPEL, Brasil.

2003 - 2003

Caracterização de Antígenos Fúngicos e Aplicação. , Sociedade Brasileira de Microbiologia, SBM, Brasil.

2001 - 2001

Extensão universitária em Família Campylobacteraceae e Gênero Helicobacter. , Universidade Federal de Pelotas, UFPEL, Brasil.

2001 - 2001

Extensão universitária em II Curso Em Atualização Clínica Em Pequenos Animai. , Universidade Federal de Pelotas, UFPEL, Brasil.

2001 - 2001

Extensão universitária em Dermatologia e Cardiologia Atualização Clínica Em. , Universidade Federal de Pelotas, UFPEL, Brasil.

2001 - 2001

Caracterização Enzimática Qualitativa de Culturas. , Sociedade Brasileira de Micologia, SBMY, Brasil.

2001 - 2001

Curso de Leveduras. , Sociedade Brasileira de Micologia, SBMY, Brasil.

2001 - 2001

Epidemiologia Veterinária. , Universidade Federal do Rio Grande do Sul, UFRGS, Brasil.

1999 - 1999

Metodologia Analítica Para a Detecção de Micotoxin. , Sociedade Brasileira de Microbiologia, SBM, Brasil.

1999 - 1999

Micologia Médica. , Sociedade Brasileira de Microbiologia, SBM, Brasil.

1999 - 1999

Doenças Infecciosas de Grandes e Pequenos Animais. , Universidade Federal de Pelotas, UFPEL, Brasil.

1997 - 1997

Patologia das Micoses Cutâneas. , Universidade Federal de Pelotas, UFPEL, Brasil.

1997 - 1997

Tratamento de Micoses de Cães e Gatos. , Sociedade Brasileira de Médicos Veterinários, SBMV, Brasil.

1997 - 1997

Perspectiva Para o Diagnóstico Micológico nos Labo. , Sociedade Brasileira de Microbiologia, SBM, Brasil.

1997 - 1997

Curso Prático de Micologia Médica. , Sociedade Brasileira de Microbiologia, SBM, Brasil.

1995 - 1995

Extensão universitária em Imunidade da Glândula Mamária. (Carga horária: 15h). , Universidade Federal de Pelotas, UFPEL, Brasil.

1995 - 1995

Imunologia e Biologia Molecular Em Diagnósticos Mé. (Carga horária: 4h). , Universidade Federal de Pelotas, UFPEL, Brasil.

1990 - 1990

Patologia Manejo e Alimentação de Animais Exóticos. (Carga horária: 8h). , Universidade Federal de Pelotas, UFPEL, Brasil.

1989 - 1989

Inseminação Artificial e Citologia Vaginal Em Cães. (Carga horária: 25h). , Associação Nacional de Clínicos Veterinários de Pequenos Animais, ANCLIVEPA, Brasil.

1987 - 1987

Radiologia de Pequenos Animais Domésticos e Silves. (Carga horária: 25h). , Associação Nacional de Clínicos Veterinários de Pequenos Animais, ANCLIVEPA, Brasil.

1986 - 1986

Neurologia Veterinária. (Carga horária: 20h). , Associação Nacional de Clínicos Veterinários de Pequenos Animais, ANCLIVEPA, Brasil.

1986 - 1986

Tosa Trimming e Gromming Caninos. (Carga horária: 20h). , Associação Nacional de Clínicos Veterinários de Pequenos Animais, ANCLIVEPA, Brasil.

1986 - 1986

Ortopedia Em Cães. (Carga horária: 20h). , Associação Nacional de Clínicos Veterinários de Pequenos Animais, ANCLIVEPA, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Espanhol

Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Medicina Veterinária / Subárea: Clínica e Cirurgia Animal.

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Medicina Veterinária / Subárea: Medicina Veterinária Preventiva.

    Grande área: Ciências da Saúde / Área: Saúde Coletiva / Subárea: Doenças Infecciosas.

    Grande área: Ciências Agrárias.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

FELIX, A. O. C. ; FELIX, S. R. ; Capella, SO ; FERREIRA, P. A. ; Krug, F. ; NOBRE, M . Curso de bioterismo e experimentação animal. 2015. (Outro).

NOBRE, M . 1º Minicurso de atualização em cardiologia e nefrologia de pequenos animais. 2014. (Outro).

Nobre, Márcia O. . 1º Curso Cinotécnico. 2014. (Outro).

Nobre, Márcia O. ; LOPES, T. V. . Fundamentos de Cinofilia. 2014. (Outro).

Nobre, Márcia O. . Tratamento de afecções cutâneas em cães e gatos. 2014. (Outro).

Nobre, Márcia O. . Curso multidisciplinar de atualização e treinamento em Pet Terapia. 2014. (Outro).

NOBRE, Márcia de Oliveira . XIV ENPOS - Encontro de Pós-Graduação. 2012. (Outro).

NOBRE, Márcia de Oliveira . XXI Congresso de Iniciação Científica. 2012. (Congresso).

NOBRE, Márcia de Oliveira . XIII ENPOS - Encontro de Pós-Graduação. 2011. (Outro).

NOBRE, Márcia de Oliveira . 1º Curso Sobre Avanços em Nutrição Animal e Formulação de Rações. 2010. (Outro).

Nobre, M.O. . Curso de Redação Científica (68h). 2010. (Outro).

NOBRE, Márcia de Oliveira ; ANCIUTI, Marcos Antonio . Curso de Capacitação profissional de técnicos em agropecuária em nível tecnológico para atuação na clínica e sanidade de pequenos animais (Módulo Teórico). 2009. (Outro).

NOBRE, Márcia de Oliveira ; ANCIUTI, Marcos Antonio ; MUELLER, Eduardo Negri ; CAMPELLO, A. O. ; PEREIRA, I. C. ; TILLMANN, M. T. ; SILVA, Patrícia Lisiane Santos da ; WILHELM, Graziela ; Simon, Caroline ; Rapetti, J . Curso de Anestesiologia Veterinária. 2009. (Outro).

NOBRE, Márcia de Oliveira . I Curso de Bioterismo e Experimentação Animal (52702029). 2009. (Outro).

NOBRE, Márcia de Oliveira . I Fórum da Pós-Graduação em Veterinária da UFPel. 2009. (Outro).

Nobre, Márcia O. ; ANCIUTI, Marcos Antonio . Curso de Capacitação profissional de técnicos em agropecuária em nível tecnológico para atuação na clínica e sanidade de pequenos animais (Módulo Prático I e II, 1ª Turma). 2009. (Outro).

NOBRE, Márcia de Oliveira ; ANCIUTI, Marcos Antonio . Curso de Capacitação profissional de técnicos em agropecuária em nível tecnológico para atuação na clínica e sanidade de pequenos animais (Módulo Prático I e II, 2ª Turma). 2009. (Outro).

Ladeira, R ; Nobre, Márcia Oliveira . XI Simpósio de Pequenos Animais da Região Sul. 2008. (Outro).

Ladeira, R ; Nobre, Márcia Oliveira . X Simpósio de Pequenos Animais da Região Sul. 2007. (Outro).

MEIRELES, M. C. A. ; Nobre, Márcia Oliveira . Micoses superficiais e subcutâneas. 1999. (Outro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

III Simpósio Internacional de Atividade, Terapia e Educação Assistida por Animais.Realização de Pesquisa Científica em Intervenções Assistidas por Animais (IAAs) no País. 2915. (Simpósio).

Semana Acadêmica da Veterinária. Atividade/Terapia/Educação mediada por animais. 2015. (Congresso).

1 Curso Cinotécnico. 2014. (Outra).

1 Minicurso de atualização em cardiologia e nefrologia de pequenos animais. 2014. (Outra).

Ação contra o câncer de mama canino.Colaborador. 2014. (Outra).

I Congresso Medvep de dermatologia veterinária. Avaliação clínica da administração de Rosmarinus officinalis no conduto auditivo externo. 2014. (Congresso).

1er Congreso Internacional de Terapia Asistida con Animales. 2013. (Congresso).

27 Congresso Brasileiro de Microbiologia. 2013. (Congresso).

27 Congresso Brasileiro de Microbiologia. Esporotricose Felina. 2013. (Congresso).

2 Simpósio Internacional de Atividade, Terapia e Educação Assistida por Animais.2 Simpósio Internacional de Atividade, Terapia e Educação Assistida por Animais. 2013. (Simpósio).

I Encontro em Zoonoses Emergentes - Esporotricose & Leishmaniose. 2013. (Encontro).

II Congresso Medvep de Especialidades Veterinárias. 2013. (Congresso).

Seminário de Responsabilidade Técnica em Medicina Veterinária - Módulo Básico. 2013. (Seminário).

XXX Semana Acadêmica da Medicina Veterinária.Otopatia em pequenos animais. 2013. (Outra).

XXX Semana Acadêmica da Medicina Veterinária.Desvendando o eletrocardiograma. 2013. (Outra).

1 Ciclo de atualização em zootecnia. 2011. (Outra).

1 Ciclo de atualização em zootecnia.Principais zoonoses transmitidas por cães e gatos. 2011. (Outra).

Congresso Medvep de Especialidades Veterinárias (36h). 2011. (Congresso).

Curso de Dermatologia em Cães e Gatos. 2011. (Outra).

Workshop Agro-Vet - Urcamp.Insuficiência cardíaca congestiva. 2011. (Outra).

Reunião dos Coordenadores de Pós-Graduação da Área de Ciências Agrárias. 2010. (Encontro).

35 Combravet. 2008. (Congresso).

3 Salão de Extensão e Cultura. 2008. (Outra).

XI Simpósio em Pequenos Animais da Região Sul. 2008. (Simpósio).

II Congreso multidisciplinario de salud comunitaria del Mercosur. 2007. (Congresso).

X Simpósio em Pequenos Animais da Região Sul. 2007. (Simpósio).

XXVIII Congresso Brasileiro da ANCLIVEPA. 2007. (Congresso).

XXVII SAMV - Semana Acadêmica de Medicina Veterinária. 2007. (Outra).

IX Simpósio em Pequenos Animais da Região Sul. 2006. (Simpósio).

Otites - manejo clínico das otites de carnívoros domésticos, cirurgia otológica - quando e como. 2006. (Outra).

XVII Congresso Estadual de Medicina Veterinária. 2006. (Congresso).

XXVII Congresso Brasileiro da Anclivepa. 2006. (Congresso).

Simpósio Internacional de Dermatologia. 2005. (Simpósio).

V Congresso Latino-Americano de Micologia. 2005. (Congresso).

VIII Simpósio em Pequenos Animais da Região Sul. 2005. (Simpósio).

VII Simpósio em Pequenos Animais da Região Sul. 2004. (Simpósio).

V Simpósio em Pequenos Animais da Região Sul. 2003. (Simpósio).

XXII Congresso de Microbiologia. 2003. (Congresso).

V Simpósio em Pequenos Animais da Região Sul. 2002. (Simpósio).

XXIX Congresso Brasileiro de Medicina Veterinária (CONBRAVET). 2002. (Congresso).

Curso Micoses Animais e humanas. 2001. (Seminário).

II Curso de atualização Clínica em Pequenos Animais. 2001. (Simpósio).

III Congresso Brasileiro de Micologia. 2001. (Congresso).

III Simpósio de pequenos animais na região sul. 2000. (Simpósio).

I Simpósio Brasileiro sobre Micoses Animais. 2000. (Simpósio).

II Simpósio em pequenos animais da região sul. 1999. (Simpósio).

Micoses superficiais, micoses subcutâneas e antifúngicos para uso em pequenos e grandes animais. 1999. (Seminário).

Otite e lesões Dermatológicas em pequenos Animais. 1999. (Seminário).

XXV Semana Acadêmica. 1999. (Seminário).

XXX Congresso Brasileiro de Microbiologia. 1999. (Congresso).

I Simpósio em Pequenos Animais da Região Sul. 1998. (Simpósio).

IX Encontro nacional de micotoxinas - I Simpósio em armazenagem qualitativa de grãos no mercosul. 1998. (Encontro).

Seminário Internacional Avançado de Doenças Infecciosas na Clínica de Pequenos animais. 1998. (Seminário).

Curso de Diagnóstico Micológico. 1997. (Seminário).

II Congresso de Medicina Veterinária do Cone Sul/XIII Congresso Estadual de Medicina Veterinária e XXV Congresso Brasileiro de Medicina Veterinária. 1997. (Congresso).

XIX Congresso Brasileiro de Microbiologia. 1997. (Congresso).

Simpósio Internacional sobre Micotoxinas e Micotoxicoses em Aves. 1995. (Simpósio).

VI Ciclo Regional de Atualização Clínica. 1994. (Seminário).

XIII Congresso Brasileiro da Anclivepa. 1990. (Congresso).

Curso de Radiologia dos Pequenos Animais Domésticos e Silvestres. 1987. (Seminário).

I Ciclo Regional de Atualização clínica. 1986. (Simpósio).

IXI Congresso Brasileiro de Clínicos Veterinários de Pequenos Animais. 1986. (Congresso).

VIII Congresso Brasileiro de Clínicos Veterinários de Pequenos Animais. 1985. (Congresso).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

Aluno: Martha Bravo Cruz Pineiro

Nobre, M.; OSÓRIO, Luisa da Gama;FERNANDES, C. G.; COSTA, P. P. C.. Avaliação da ação da imunomodulação no tratamento de esporotricose experimental. 2020. Dissertação (Mestrado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Laura Michelon

NOBRE, Márcia de OliveiraFELIX, A. O. C.; FISCHER, Geverson;NASCENTE, Patricia da Silva. Aspectos epidemiológicos e mensuração da interleucina-10 em felinos com esporotricose no município de Pelotas (RS) e região. 2017. Dissertação (Mestrado em Parasitologia) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Paula Diele Pereira Fonseca Lages

NOBRE, Márcia de Oliveira; MUELLER, E. N.; REININGER, R.;FERREIRA, P. A.. Avaliação clínica, bioquímica sérica e condição corporal de felinos apresentando obesidade. 2016. Dissertação (Mestrado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: ANDRESSA PIOVESAN

NOBRE, Márcia de OliveiraFERNANDES, C. G.Normanton Guim, Thomas. Estudo do Impacto de Fatores Epidemiológicos, Clínicos e Anatomopatológicos na Sobrevida de Cadelas Portadoras de Neoplasmas Mamários. 2016. Dissertação (Mestrado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Thiago Vaz Lopes

Nobre, Márcia O.FÉLIX, SAMUEL RODRIGUESSCHONS, SANDRO DE VARGASMUELLER, Eduardo Negri. Avaliação da ação cicatricial da seiva do Croton lechleri. 2014. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Ciciane Pereira Marten Fernandes

NOBRE, Márcia de OliveiraMEINERZ, A. R. M.FERNANDES, C. G.MUELLER, Eduardo NegriMUELLER, E.N.. Avaliação da ação cicatrizante e repelente de Carapa guianesis e Caesalpinea ferrea Mart.. 2013. Dissertação (Mestrado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: CLAUDIA GIORDANI

NOBRE, Márcia de Oliveira; Mello F. B.;CLEFF, Marlete BrumFARIA, Renata Osório de. Determinação da atividade antifúngica de plantas medicinais encontradas em Pelotas, RS. 2013. Dissertação (Mestrado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Fábio Silva da Silva

NOBRE, M; HUBNER, S.; FISCHER, Geferson; LIMA, M.. Estudo epidemiológico da infecção pelo vírus da imunodeficiência felina em gatos domésticos da região sul do Rio Grande do Sul. 2012. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Amilton Clair Pinto Seixas Neto

Nobre, M.O.; SILVA, E. F.; VASCONCELLOS, F.A.. Isolamento de leptospiras em bovinos abatidos em frigoríficos de Pelotas/RS. 2012. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Patrícia almeida Ferreira

NOBRE, M; ARAÚJO, A. C. P.;MEINERZ, A. R. M.MUELLER, E.N.. Estudos dos parâmetros bioquímicos de cães relacionando com condição corporal, jejum e alimentação. 2012. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Caroline Ferreira Simon

Nobre, Márcia OliveiraFERNANDES, Cristina GevehrCLEFF, Marlete Brum; ALLGAYER, M. C.. Avaliação da histotoxicidade e de alterações metabólicas após uso de etil-cianoacrilato n-butil-cianoacrilato em camundongos. 2011. Dissertação (Mestrado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Mariana Teixeira Tillmann

NOBRE, Márcia de Oliveira. Anti-sépticos e fitoterápicos na cicatrização de feridas. 2011. Dissertação (Mestrado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Antonella Souza Mattei

MEIRELES, M. C. A.XAVIER, M. O.NOBRE, Márcia de OliveiraCLEFF, Marlete Brum. Pesquisa de fungos com potencial patogênico em ambientes e equipamentos de uso veterinário e avaliação da desinfecção hospitalar. 2010. Dissertação (Mestrado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Anelize de Oliveira Campello Felix

NOBRE, Márcia de OliveiraFERNANDES, C. G.; FISCHER, Geferson; SANTOS, T. B.. Acompanhamento clínico, histopatológico e avaliação dos níveis de interleucina 10 em cães com demodicose crônica. 2010. Dissertação (Mestrado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Graziela Wilhelm

NOBRE, Márcia de OliveiraGRECCO, F. B.CLEFF, Marlete BrumMEIRELES, M. C. A.. Ressecção lateral do conduto auditivo externo: avaliação do tratamento da otite externa crônica e proposta do uso de adesivos. 2010. Dissertação (Mestrado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Rosema Santin

MEIRELES, Mario Carlos Araújo; ALVES, Sydney Hartz;NOBRE, Márcia de OliveiraCLEFF, Marlete Brum. Isolamento, identificação e suscetibilidade in vitro de leveduras isoladas da cavidade oral de fêmeas caninas.. 2009. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Melissa Borba Spader

FERNANDES, Cristina Gevehr; TRINDADE, Gilma Santos; RAPOSO, Josiane Bonel;NOBRE, Márcia de Oliveira. Estudo epidemiológico, classificação histológica e fatores prognósticos pela técnica de quantificação das AgNORs em tumores mamários felinos.. 2009. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Matheus Folgearini Silveira

FERNANDES, Cristina Gevehr; TRINDADE, Gilma Santos; RAPOSO, Josiane Bonel;NOBRE, Márcia de Oliveira. Avaliação da microdensidade vascular como fator prognóstico em sarcomas de tecidos moles em caninos e felinos. 2009. Dissertação (Mestrado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Eduardo Negri Mueller

NOBRE, Márcia de OliveiraFERNANDES, Cristina GevehrMELLO, João R BMEIRELES, M. C. A.. Avaliação e tratamento da otite externa canina. 2009. Dissertação (Mestrado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Melissa Orzechowski Xavier

MEIRELES, Mário Carlos Araújo; SEVERO, L. C.;NOBRE, Márcia de OliveiraFERNANDES, C. G.; RAFFI, M. B.. Aspergilose em pingüins em cativeiro: diagnóstico, prevenção e controle em centros de recuperação de animais marinhos. 2007. Dissertação (Mestrado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Isabel Martins Madrid

MEIRELES, Mário Carlos; SEVERO, L. C.;NOBRE, Márcia de OliveiraFERNANDES, C. G.; RAFFI, M. B.. Estudos de casos espontâneos de esporotricose canina e felina e avaliação da melanina em células de Sporothrix schenckii em modelo murino. 2007. Dissertação (Mestrado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Thomas Normanton Guim

FERNANDES, Cristina Gevehr; KOMMERS, G. D.;NOBRE, Márcia de OliveiraLUCIA JUNIOR, Thomaz. Estudos dos critérios para classificação histológica, da avaliação da sobrevida e da quantificação das AgNORs em tumores mistos mamários caninos. 2007. Dissertação (Mestrado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Luciana de Souza Prestes

NOBRE, Márcia de Oliveira; MARCHIONATTI, César Augusto; ZANI, João Luis;MEIRELES, Mário Carlos Araújo. Avaliação in vitro da atividade de diferentes extratos de Origanum vulgare L e Thymus vulgaris frente a microrganismos de importância veterinária. 2006. Dissertação (Mestrado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Tatiane Camacho Mendes

NOBRE, Márcia de Oliveira; LÜRHER, Dominguita; SALLIS, Elisa Simone Viegas;FERNANDES, Cristina Gevehr. Avaliação comparativa de dois sistemas de classificação histológica e da validade da quantificação da AgNOR para adenomas e carcinomas mamários caninos. 2006. Dissertação (Mestrado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Cristiano Silva da Rosa

NOBRE, Márcia de Oliveira; SANTÚRIO, Jânio; ZANIN, Joao;FERNANDES, Cristina Gevehr. Estudo do gênero Malassezia em felinos (felis catus). 2005. Dissertação (Mestrado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Eduardo Garcia Fontoura

Nobre, Márcia OliveiraFERNANDES, Cristina GevehrMUELLER, E.N.FELIX, A. O. C.. Caracterização toxicológica e funcional do extrato aquoso de Waltheria douradinha. 2018. Tese (Doutorado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Maria Teresa Nogueira

NOBRE, Márcia de Oliveira; RODRIGUEZ, R. C.; Pereira, A.P.S.;TILLMANN, M. T.. A terapia assistida por animais com crianças que apresentam transtorno do espectro autista. 2018. Tese (Doutorado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Patrícia almeida Ferreira

FELIX, A. O. C.GRECCO, F. B.FÉLIX, SAMUEL RODRIGUESNOBRE, M. Avaliação do metabolismo de carboidratos e lipídios de modelo murino submetido a dieta hiperlipídica tratados com o extrato aquoso de Hibiscus rosa-sinenis. 2015. Tese (Doutorado em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Ciciane Pereira Marten Fernandes

MUELLER, Eduardo NegriGRECCO, F. B.; PEREIRA, Isabel Cristina;NOBRE, M. Estudos toxicológicos de Triticum aestivum e Carapa guianensis e aplicabilidade clínica de Triticum aestivum na otite externa canina. 2015. Tese (Doutorado em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Mariana Teixeira Tillmann

Oliveira Nobre, MárciaFÉLIX, SAMUEL RODRIGUES; SILVA, E. F.; SILVA, S. S.. Caracterização citotóxica e funcional de extratos vegetais brasileiros utilizados como fitoterápicos tópicos. 2014. Tese (Doutorado em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Rosema Santin

Mello F. B.;NOBRE, Márcia de OliveiraMEIRELES, Mário Carlos Araújo. Potencial antifúngico e toxicidade de óleos essenciais da família Lamiaceae. 2013. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterinárias) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Aluno: Samuel Rodrigues Félix

NOBRE, Márcia de Oliveira; MCBRIDE, A. J.; DELLAGOSTIN, O.; HARTWIG, D.. Leptospirose animal: estudos para o desenvolvimento de vacinas recombinantes. 2013. Tese (Doutorado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Clarissa Boemler Hollenbach

CLEFF, Marlete BrumNOBRE, Márcia de OliveiraMEIRELES, Mário Carlos Araújo. Estudo da toxicidade reprodutiva do óleo essencial de orégano (Origanum vulgare L.) em ratos Wistar. 2013. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterinárias) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Aluno: Isabel Cristina Pereira

Nobre, M.O.GRECCO, F. B.; HARTLEBEN, C. P.; AGUIAR, E. S. V.. Neoplasmas mamários e níveis de cálcio e magnésio em fêmeas caninas. 2012. Tese (Doutorado em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Eduardo Negri Mueller

NOBRE, MMUELLER, Eduardo Negri. Microclima do canal auditivo em cães e efeito do Rosmarinus officinalis L. e do Triticum vilgare no tratamento da otite externa experimental. 2011. Tese (Doutorado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Ana Raquel Mano Meinerz

Mello F. B.;NOBRE, Márcia de OliveiraMEIRELES, Mário Carlos Araújo. Avaliação da atividade in vivo e in vitro da terbinafina e itraconazol frente ao Sporothrix schenckii. 2007. Tese (Doutorado em Programa de Pós-graduação em ciências Veterinárias) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Aluno: Patrícia da Silva Nascente

NOBRE, Márcia de Oliveira; ARAÚJO, Mário Carlos; LANGELOH, Augusto. Estudo da população de malassezia pachydermatis em otite externa canina e avaliação da sensibilidade in vitro e in vivo frente a antifúngicos. 2006. Tese (Doutorado em Ciências Veterinárias) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Aluno: Alexsander Ferraz

NOBRE, M; NIZOLI, LEANDRO QUINTANA; RONDELLI, M. C.; PINTO, Diego Moscareli. Ocorrência de parasitos em cães e gatos atendidos em Hospital Veterinário e amostras fecais ambientais coletadas no entorno de escolas municipais de microrregião de Pelotas, RS, Brasil?. 2020. Exame de qualificação (Doutorando em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Fernanda Dagmar Martins Krug

NOBRE, M; TILLMANN, Mariana Teixeira; JORGE, Sérgio;CLEFF, M. B.. Estudo prospectivo sobre a Disfunção Cognitiva em Cães. 2020. Exame de qualificação (Doutorando em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Maria Teresa Nogueira

NOBRE, Márcia de Oliveira; RODRIGUEZ, R. C.; Pereira, A.P.S.;FERNANDES, C. G.. A terapia assistida por animais com crianças que apresentam transtorno do espectro autista. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Carolina da Fonseca Sapin

GRECCO, F. B.FERNANDES, Cristina GevehrNormanton Guim, ThomasNOBRE, Márcia de Oliveira. Estudo Clínico-patológico de Alterações de Comportamento e Síndrome de Disfunção Cognitiva em cães. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Sabrina de Oliveira Campello

NOBRE, Márcia de Oliveira; Gehrcke, M. I.; TILLMANN, Mariana Teixeira;FERNANDES, C. P. M.. Potencial terapêutico de fitoterápicos no tratamento de feridas cutâneas. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Fábio da Silva e Silva

HUBNER, S.; LIMA, M.; Gaspar, Luiz Fernando J.;NOBRE, Márcia de Oliveira. Terapia antirretroviral no controle do vírus da imunodeficiência felina (FIV). 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Eduardo Garcia Fontoura

MUELLER, Eduardo NegriFERNANDES, C. G.FELIX, A. O. C.NOBRE, M. Caracterização toxicológica e funcional do extrato aquoso de LCEA206. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Patrícia almeida Ferreira

Nobre, Márcia O.; SCHNEIDER, A.;FÉLIX, SAMUEL RODRIGUESPERES, W.FELIX, A. O. C.. Avaliação do metabolismo de carboidratos e lipídios de animais experimentais submetidos a dieta hipercalórica tratados com o extrato Hibiscus rosa-sinensis. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Ciciane Pereira Marten Fernandes

Nobre, Márcia O.FÉLIX, SAMUEL RODRIGUESSCHONS, SANDRO DE VARGASMUELLER, Eduardo Negri. Estudo da toxicidade do Triticum aestivum e Carapa guianensis e aplicabilidade clínica do Triticum aestivum na otite externa canina. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Ciciane Pereira Marten Fernandes

NOBRE, MÃRCIA DE OLIVEIRA. Análises dos efeitos anti inflamatórios na cicatrização com as plantas andiroba e jucá. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Mariana Teixeira Tillmann

SILVA, E. F.;FELIX, S. R.; VARELA JUNIOR, S.;NOBRE, Márcia de Oliveira. Caracterização citotóxica e funcional de extratos vegetais brasileiros utilizados como fitoterápicos tópicos. 2013. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Rafael Stedile

NOBRE, MFARIA, R. O.; Mello F. B.; MELLO, João Roberto de Braga. Estudo da toxicidade reprodutiva da associação de beta-glucana e itraconazol em ratos Wistar. 2012. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterinárias) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Aluno: Anelize de Oliveira Campello Felix

NOBRE, Márcia de Oliveira; FISCHER, Geferson; VASCONCELLOS, F.A.;GUIM, T.. Comportamento de neoplasmas mamários em modelos biológicos suplementados com óleo de copaíba (Copaifera spp) e avaliação de marcadores prognósticos em cães. 2012. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Isabel Cristina Pereira

NOBRE, Márcia de Oliveira; ALLGAYER, M. C.;CLEFF, Marlete Brum; FERNANDES, C. P. H.. Neoplasmas mamários em cães e a relação com minerais séricos e níveis hematimétricos. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Eduardo Negri Mueller

MUELLER, E.N.Nobre, M.O.. Microclima auditivo em cães e efeito de fitoterápicos no tratamento da otite externa experimental. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Rosema Santin

MELLO, João Roberto de Braga;NOBRE, Márcia de OliveiraMEIRELES, M. C. A.; Mello F. B.. Potencial antifúngico e toxicidade dos óleos essenciais de Origanum vulgare, Origanum majorana e Rosmarinus officinalis. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Veterinárias) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Aluno: Viviane Ribeiro Pereira

Christello, V.C.; Oliveira, M.M.;NOBRE, M; Kantorski, L.P.; Magalhães, L.V.. Intervenções assistida por animais no Centro de Atenção Psicossocial Infanto-Juvenil: análise de suas contribuições para crianças em sofrimento psíquico. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Enfermagem) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Carolina da Fonseca Sapin

NOBRE, M; LIMA, C. M.; Grill, J.. INFLUÊNCIA DAS INTERVENÇÕES ASSISTIDAS POR ANIMAIS NA PRESSÃO ARTERIAL DOS ASSISTIDOS E COMO FATOR MOTIVACIONAL. 2020. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Residência Multiprofissional) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Fernanda Dagmar Krug

NOBRE, Márcia de OliveiraGRECCO, F. B.VIVES, Patrícia. Intervenções assistidas por animais: efeitos para humanos e cães terapeutas. 2018. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Residência Multiprofissional) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Luisa do Amaral Vidal

CARDOSO, D.; Pereira, V. P.;Nobre, M.; HECK, R. M.. Terapia Assistida por Animais no Cuidado a Crianças com Autismo. 2020. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Enfermagem) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Martha Piñeiro

NOBRE, Márcia de Oliveira; ROSA, Cristiano; CURCIO, Bruna R; Waller, S.B.. Estágio curricular supervisionado. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Rodrigo Franco Bastos

NOBRE, Márcia de Oliveira; PINTO, Diego Moscareli; RAFFI, M. B.; CAPELLA, Sabrina de Oliveira. Estágio curricular supervisionado. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Aurélio Luciano Costa

Gehrcke, M. I.; Nizoli, L.; Freitas, F.;NOBRE, Márcia de Oliveira. Estágio Curricular Supervisionado. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Raquel Galli Lucena

FELIX, A. O. C.FERREIRA, P. A.; Rapetti, J;NOBRE, MÃRCIA DE OLIVEIRA. Estágio curricular supervisionado do curso de medicina veterinária. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Taís Teixeira Zambarda

FELIX, A. O. C.FERREIRA, P. A.GUIM, T.NOBRE, MÃRCIA DE OLIVEIRA. Estágio curricular supervisionado do curso de medicina veterinária. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Aline Dias Camargo

Oliveira Nobre, Márcia; BRAGA, Fabrício de Vargas Arigony;FONTOURA, E.. Estágio curricular supervisionado do curso de medicina veterinária. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Tainá Thiara Soares Gonçaslves

Nobre, Márcia O.MEINERZ, A. R. M.FÉLIX, SAMUEL RODRIGUES. Estágio curricular supervisionado do curso de medicina veterinária. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Leonardo Alves Souza

Nobre, Márcia O.; RAPOSO, Josiane Bonel;FONTOURA, E.. Estágio curricular supervisionado do curso de medicina veterinária. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Laís Tortelli Foresti

NOBRE, Márcia de Oliveira. Estágio curricular supervisionado em clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Virgínia Harder Gonçalves

NOBRE, Márcia de Oliveira. Estágio curricular supervisionado em clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Idalini Cima

Nobre, M.O.VIVES, PatríciaCORCINI, C. D.. Estágio curricular supervisionado em clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Carla da Silva Canielles

Nobre, M.O.SCHUCH, L. F. D.; PINTO, F. R.. Estágio curricular supervisionado em clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Matheus Medeiros Motta

GASPAR, Luiz Felipe J;Nobre, M.O.; CONCEICAO, R. C.. Estágio curricular supervisionado em clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Francielle Bado

Nobre, Márcia O.FELIX, A. O. C.Fernandes, Cristina G.. Estágio curricular supervisionado em clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Cristiane da Silveira Costa

Nobre, M.O.FELIX, A. O. C.FELIX, S. R.. Estágio curricular supervisionado em clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Sabrina de Oliveira Capella

Nobre, M.O.. Estágio curricular supervisionado em clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Tiago Zim da Silva

Nobre, M.O.. Estágio curricular supervisionado em clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Elisângela Coelho Fischer

Nobre, M.O.; PEDROZO, J. C. S. R.; ZAUK, N. F.. Estágio curricular supervisionado em clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Êmille Gedoz Guiot

Nobre, M.O.FERNANDES, Cristina Gevehr; ZAUK, N. F.. Estágio curricular supervisionado em clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: TATIANA ROSA FERNANDES

Nobre, M.O.CLEFF, M. B.PINTO, José Carlos Padilha. Estágio curricular supervisionado em clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Marluce Stein

Nobre, M.O.CLEFF, M. B.; SALLIS, Elisa Simone Viegas. Estágio curricular supervisionado em clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Anelise Borgartz

Nobre, M.O.; SALLIS, Elisa Simone Viegas;VIVES, Patrícia. Estágio curricular supervisionado em clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Lucimara Sprandel

Nobre, M.O.; SALLIS, Elisa Simone Viegas;SCHUCH, L. F. D.. Estágio curricular supervisionado em clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Lucimara Konflanz Bergmann

Nobre, M.O.; ROSA, Cristiano da Silva; RAFFI, M. B.. Estágio curricular supervisionado em clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Eduardo Garcia Fontoura

NOBRE, Márcia de Oliveira. Estágio curricular supervisionado na área de clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Alexandre Corrêa

Nobre, Márcia Oliveira; RAFFI, M. B.;CLEFF, Marlete Brum. Estágio curricular supervisionado na área de clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Aline Pinto de Pinto

NOBRE, Márcia de OliveiraCLEFF, Marlete BrumSCHUCH, L. F. D.. Estágio curricular supervisionado na área de clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Vanessa Edon Moraes

NOBRE, Márcia de OliveiraMEINERZ, A. R. M.FERNANDES, Cristina Gevehr. Estágio curricular supervisionado na área de clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Marina Piccoli Facco

NOBRE, Márcia de Oliveira; Da Silva Rosa, Cristiano;FERNANDES, Cristina Gevehr. Estágio curricular supervisionado na área de clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Betina Zell de Mattos

CLEFF, Marlete BrumNOBRE, Márcia de Oliveira; SAMPAIO, Cristina. Estágio curricular supervisionado na área de clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Izabel Trilho Otero Py Crespo e Nathália Brauner Barbieri

MORAES, E. S.; GIUSTI, P.;Nobre, M.O.. Satisfação das crianças portadoras de necessidades especiais da clínica de fisioterapia da UCPEL em relação à terapia assistida por animais. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Fisioterapia) - Universidade Católica de Pelotas.

Aluno: Tatiana Lichmann

NOBRE, Márcia de Oliveira; SAMPAIO, Cristina;FERNANDES, Cristina Gevehr. Estágio curricular supervisionado ná área de clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Paulla Bassi

NOBRE, Márcia de OliveiraSCHUCH, L. F. D.; Valente, AP. Estágio curricular supervisionado ná área de clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Ciciane Pereira Marten

NOBRE, Márcia de Oliveira; RIBEIRO, Carmem Lúcia Garcez; ARAÚJO, Flávio César de. Estágio curricular supervisionado ná área de clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: PEDRO LUIZ COIMBRA REIS

NOBRE, Márcia de Oliveira; SAMPAIO, Cristina; RIBEIRO, Carmem Lúcia Garcez. Estágio curricular supervisionado ná área de clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Vanessa Torres Martins

SAMPAIO, Cristina; ARAÚJO, Flávio César de;Nobre, Márcia Oliveira. Estágio curricular supervisionado ná área de clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Bianca da Silva

NOBRE, Márcia de OliveiraCLEFF, M. B.ROSA, Cristiano Silva da. Estágio curricular supervisionado na área de clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Priscila Curi

NOBRE, Márcia de OliveiraCLEFF, Marlete Brum; ARAÚJO, Flávio César de. Estágio curricular supervisionado na área de clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Bruna Rondini

NOBRE, Márcia de OliveiraFERNANDES, Cristina Gevehr; RAPOSO, Josiane Bonel. Estágio curricular supervisionado na área de clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Cecília Nogueira

NOBRE, Márcia de Oliveira; ARAÚJO, Flávio César de; RAPOSO, Josiane Bonel. Estágio curricular supervisionado na área de clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Vanessa Torres Martins

Nobre, M.O.. Estágio curricular supervisionado em clínica Médica e cirúrgica de pequenos animais. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Ricardo Frascolla

NOBRE, Márcia de Oliveira; SILVA, Luís Fernando da; WILHEM, G.. Estágio curricular supervisionado ná área de clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Cíntia Buzzo

NOBRE, Márcia de Oliveira; ARAÚJO, Flávio César de; PEREIRA, F. L.. Estágio curricular supervisionado ná área de clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Lidiane Souza da Silva

NOBRE, Márcia de OliveiraCARAPETO, L. P.GUIM, T. N.. Estágio curricular supervisionado ná área de clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Caroline Sarmento

NOBRE, Márcia de Oliveira; CARAPETO, Luis Paiva;GUIM, T. N.. Estágio curricular supervisionado ná área de clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Juciane Johann

NOBRE, Márcia de OliveiraGUIM, T. N.FERNANDES, Cristina Gevehr. Estágio curricular supervisionado ná área de clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Luiza Osório

NOBRE, Márcia de Oliveira; VARGAS, G. D.; VALENTE, Ana. Estágio curricular supervisionado ná área de clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Anelize Oliveira

NOBRE, Márcia de Oliveira; ARAÚJO, Flávio César de; Da Silva, L. F. C.. Estágio curricular supervisionado na área de clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Marcela Fracarolli

NOBRE, Márcia de Oliveira; SAMPAIO, Cristina;SCHUCH, L. F. D.. Estágio curricular supervisionado em clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Michele Segatto

Nobre, Márcia Oliveira; LAUREDI, Francisco; ARAÚJO, Flávio César de. Relatório de estágio curricular supervisionado na área de clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Anelise Oliveira da Silva Fonseca

Nobre, M.O.. Estágio curricular supervisionado em clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Mônica Giova Oliveira Lemos

NOBRE, Márcia de Oliveira; CARAPETO, Luis Paiva; MENDES, T. C.. Estágio curricular supervisionado na área de clínica médica e cirurgica de pequenos animais. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Raquel de Azevedo Hass

NOBRE, Márcia de Oliveira; ARAÚJO, Flávio César de; LAUREDI, Francisco. Estágio curricular supervisionado em clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Maria Alice G

NOBRE, Márcia de Oliveira; ARAÚJO, Flávio César de; WILHELM, Graziela. Fernandes.Estágio curricular supervisionado ná área de clínica médica e cirurgica de pequenos animais. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Michele Berselli

NOBRE, Márcia de Oliveira; WILHEM, G.; LAUREDI, Francisco. Estágio curricular supervisionado ná área de clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Simone Porto da Silva

NOBRE, Márcia de Oliveira; SILVA, Luís Fernando da; WILHEM, G.. Estágio curricular supervisonado na área de clínica médica de pequenos animais. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Vanessa Martins Bulling

NOBRE, Márcia de Oliveira; WILHEM, G.; ARAÚJO, Flávio César de. Estágio curricular supervisionado em clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Aline Mate Palma

NOBRE, Márcia de Oliveira; MENDES, T. C.;PEREIRA, I. C.. Estágio curricular supervisionado na área de clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Rosema Santin

NOBRE, Márcia de Oliveira; ARAÚJO, Flávio César de; SILVA, F. S. E.. Estágio curricular supervisionado em clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Vanessa Roveda

NOBRE, Márcia de Oliveira; SILVA, F. S. E.; MENDES, Tatiane Camacho. Estágio curricular supervisionado na área de clínica e cirurgia de pequenos animais. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Lúcio Cereta

NOBRE, Márcia de Oliveira; LAUREDI, Francisco; ARAÚJO, Flávio César de. Estágio curricular supervisonado na área de clínica médica de pequenos animais. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Anelize de Oliveira Campello

NOBRE, Márcia de Oliveira; CARAPETO, Luis Paiva; ARAÚJO, Flávio César de. Estágio curricular supervisionado em clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Patrícia Lisiane da Silva

NOBRE, Márcia de Oliveira; ARAÚJO, Flávio César de; PEREIRA, F. L.. Estágio curricular supervisionado em clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Carolina Sallis Bittencour

NOBRE, Márcia de Oliveira; SILVA, Luís Fernando da; SAMPAIO, Cristina. Estágio curricular supervisionado em clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Sérgio Jorge

NOBRE, Márcia de Oliveira; ARAÚJO, Flávio César de; SILVA, Luis Fernando da. Estágio curricular supervisionado em clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Naama de Oliveira Miranda

NOBRE, Márcia de Oliveira; GASPAR, Luis Fernando;PINTO, José Carlos Padilha. Estágio curricular supervisionado em clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Eduardo Negri Mueller

NOBRE, Márcia de Oliveira; ARAÚJO, Flávio César de; LAUREDI, Francisco. Estágio curricular supervisionado em clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Isabel Martins Madrid

NOBRE, Márcia de Oliveira; ARAÚJO, Flávio;FERNANDES, Cristina Gevehr. Estágio curricular supervisionado em clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

De Oliveira Nobre, Márcia; Gehrcke, M. I.; FRANCA, R.. Seleção Residência Multiprofissional. 2019. Universidade Federal de Pelotas.

NOBRE, Márcia de Oliveira; PINTO, Diego Moscareli; RABASSA, V.. Seleção Residência Multiprofissional. 2017. Universidade Federal de Pelotas.

Normanton Guim, Thomas; Bandarra, P.M>;NOBRE, Márcia de Oliveira. Seleção Residência Multiprofissional. 2016. Universidade Federal de Pelotas.

NOBRE, Márcia de Oliveira; Gehrcke, M. I.; Bandarra, P.M>. Seleção Residência Multiprofissional. 2016. Universidade Federal de Pelotas.

CORRÊA, Márcio Nunes;PINTO, José Carlos PadilhaNobre, Márcia Oliveira. Seleção de professor adjunto na área de semiologia. 2009. Universidade Federal de Pelotas.

NOBRE, Márcia de OliveiraPINTO, José Carlos Padilha; GASPAR, Luiz Fernando. Seleção de Médico Veterinário Residente na área de Clínica Médica de Pequenos Animais. 2009. Universidade Federal de Pelotas.

NOBRE, Márcia de OliveiraNASCENTE, Patricia da Silva; Rapetti, J. Seleção para ingresso no Mestrado na área de clínca médica de pequenos animais. 2009. Universidade Federal de Pelotas.

NOBRE, Márcia de OliveiraNASCENTE, Patricia da Silva; Rapetti, J. Seleção para ingresso no Doutorado na área de clínica médica de pequenos animais. 2009. Universidade Federal de Pelotas.

NOBRE, Márcia de Oliveira; NOGUEIRA, Carlos Eduardo W; ARAÚJO, Flávio César de. Seleção de Médico Veterinário do Hospital de Clínicas Veterinária. 2008. Universidade Federal de Pelotas.

NOBRE, Márcia de Oliveira; ARAÚJO, Flávio César de; NOGUEIRA, Carlos Eduardo W. Seleção de Professor Adjunto da disciplina de Clínica Cirúrgica. 2008. Universidade Federal de Pelotas.

NOBRE, Márcia de Oliveira; NOGUEIRA, Carlos Eduardo W; ARAÚJO, Flávio César de. Seleção de Professor Substituto da disciplina de Clínica Cirúrgica. 2008. Universidade Federal de Pelotas.

MEIRELES, Marío Carlos AraújoNOBRE, Márcia de Oliveira. Seleção para ingresso no Programa de Pós-Graduação em Veterinária (Doutorado - Micologia). 2007.

NOBRE, Márcia de Oliveira; NOGUEIRA, Carlos Eduardo W; SCHILD, Ana Lúcia. Seleção para ingresso no Programa de Pós Graduação em Veterinária - UFPel. 2007.

NOGUEIRA, Carlos Eduardo W; ARAÚJO, Flávio César de;NOBRE, Márcia de Oliveira. Seleção de professor substituto na área de Prática Hospitalar. 2007.

PINTO, José Carlos Padilha; SILVA, F;NOBRE, Márcia de Oliveira. Seleção de Médico Veterinário Residente. 2007.

NOBRE, Márcia de Oliveira; CORRÊA, Márcio Nunes; ARAÚJO, Flávio César de. Processo seletivo para professor substituto na área de clínica médica de grandes animais. 2006. Universidade Federal de Pelotas.

NOBRE, Márcia de Oliveira; GASPAR, Luiz Fernando; CARAPETO, Luis Paiva. Seleção de Médico Veterinário Residente. 2006.

NOBRE, Márcia de Oliveira; ARAÚJO, Flávio César de; PEREIRA, Isabel. Seleção de Professor Substituto na Disciplina de Pratica Hospitalar. 2006.

NOBRE, Márcia de Oliveira; Carapeto LP; SILVA, Fábio S. Seleção de Médico Veterinário Residente na área de radiologia. 2006.

CORRÊA, Márcio Nunes; NOGUEIRA, Carlos Eduardo W;NOBRE, Márcia de Oliveira. Seleção de Professor Substituto na área de Clínica de Grandes Animais. 2006. Universidade Federal de Pelotas.

NOBRE, M. Avaliação do meio do caminho Programas de Pós-graduação em Veterinária. 2015. Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior.

NOBRE, MMeireles, M.C.A.; COSTA, N.. Congresso de Iniciação Científica- SIIEPE. 2019. Universidade Federal de Pelotas.

NOBRE, M; CURCIO, Bruna R. Congresso de Ensino. 2019. Universidade Federal de Pelotas.

NOBRE, Márcia de Oliveira. seleção dos projetos de ensino contemplados com bolsas de iniciação ao ensino. 2018. Universidade Federal de Pelotas.

NOBRE, Márcia de Oliveira. Seleção de residência Multiprofissional. 2018. Universidade Federal de Pelotas.

SCHUCH, L. F. D.FERNANDES, C. G.NOBRE, Márcia de Oliveira. Progressão professor Associado. 2017. Universidade Federal de Pelotas.

Nobre, Márcia O.. Congresso de Extensão e Cultura- 3 SIEPE. 2017. Universidade Federal de Pelotas.

Nobre, Márcia O.. Congresso de Ensino da Graduação- # SIEPE. 2017. Universidade Federal de Pelotas.

Nobre, Márcia O.; Gehrcke, M. I.; Bandarra, P.. Seleção de Residência Multiprofissional. 2017. Universidade Federal de Pelotas.

NOBRE, M. VI Mostra de Iniciação Científica -IFC- Concórdia. 2016. Instituto Federal Catarinense.

NOBRE, Márcia de Oliveira. Congresso de Extensão - II SIEPE-UFPel. 2016. Universidade Federal de Pelotas.

NOBRE, Márcia de Oliveira; TILLMANN, Mariana Teixeira; MARTINS, C. F.. Encontro de pós-graduação ENPOS - II SIEPE - UFPel. 2016. Universidade Federal de Pelotas.

NOBRE, Márcia de OliveiraSCHUCH, L. F. D.FERNANDES, C. G.. Progressão professor associado. 2016. Universidade Federal de Pelotas.

FERNANDES, C. G.SCHUCH, L. F. D.NOBRE, Márcia de Oliveira. Progressão professor Associado. 2016. Universidade Federal de Pelotas.

NOBRE, M; RAPOSO, Josiane Bonel;FELIX, S. R.TILLMANN, M. T.. Avialidor do Encontro de Pós-graduação da UFPel. 2015. Universidade Federal de Pelotas.

Nobre, M.; Castilhos, E.D.; Ribiro, J.S.; PEREIRA, S. C.. Congresso de Extensão e Cultura UFPel. 2015. Universidade Federal de Pelotas.

NOBRE, M; Rodrigues, C.. Comitê Científico do III Simpósio Internacional de Atividade, Terapia e Educação Mediada por Animais. 2015. Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

ZANI, João Luis;NOBRE, M. Encontro de Pós-graduação da UFPel. 2014. Universidade Federal de Pelotas.

NOBRE, Márcia de Oliveira. Avaliador externo do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação Científica. 2013. Instituto Federal Sul-Rio-Grandense.

NOBRE, Márcia de Oliveira. 21 Congresso de Iniciação Científica/ 4ª Mostra Científica. 2012. Universidade Federal de Pelotas.

Nobre, M.O.; RIBEIRO, Carmem Lúcia Garcez; SILVA, Fábio S. Comissão eleitor para direção do HCV/UFPel. 2011. Universidade Federal de Pelotas.

NOBRE, Márcia de Oliveira. Comissão Científica XIII Encontro de Pós-Graduação. 2011. Universidade Federal de Pelotas.

NOBRE, Márcia de Oliveira. Processo seletivo bolsista de Iniciação Científica. 2011. Universidade Federal de Pelotas.

NOBRE, M. XX Congresso de Iniciação Científica/ III Mostra Científica. 2011. Universidade Federal de Pelotas.

FONTOURA, E.NOBRE, Márcia de Oliveira. Estágio curricular supervisionado em clínica médica e cirúrgica de pequenos animais. 2011. Universidade Federal de Pelotas.

NOBRE, Márcia de OliveiraCLEFF, Marlete Brum. Seleção de candidatos ao mestrado em Veterinária. 2009. Universidade Federal de Pelotas.

NOBRE, Márcia de Oliveira; SCHUCH, Luiz Filipi Damé; ZANIN, João. Comissão Avaliadora XIII Congresso de Iniciação científica -UFPEL. 2004. Universidade Federal de Pelotas.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Luiz Fernando Jantzen Gaspar

MEIRELES, M. C. A.; LARSSON, C. E.; FERREIRO, L.;GASPAR, L. F. J.. Prevalência da Malassezia Pachydermatis e outros agentes infecciosos nas otites externas e dermatites em cães.. 1998. Dissertação (Mestrado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

Laerte Ferreiro

NOBRE, M. O.;FERREIRO, L.. Malassezia pachydermatis e otites caninas.. 1998. Dissertação (Mestrado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

MARIO CARLOS ARAUJO MEIRELES

LARSSON, Carlos Eduardo;FERREIRO, LaerteGASPAR, L. F. J.MEIRELES, M. C. A.. Prevalência da Malassezia pachydermatis e outros agentes infecciosos nas otites externas e dermatites em cães.. 1998. Dissertação (Mestrado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas.

MARIO CARLOS ARAUJO MEIRELES

MEIRELES, M. C. A.; SCHUBACH, Tânia Maria Pacheco; DRIEMEIER, David;FERREIRO, Laerte. Estudo da patogenicidade entre isolados de Sporothrix schenkii. 2004. Tese (Doutorado em Ciências Veterinárias) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

MARIO CARLOS ARAUJO MEIRELES

FERREIRO, LaerteMEIRELES, M. C. A.; DRIEMEIER, David;SEVERO, Luiz Carlos. Estudo da patogenicidade entre isolados de Sporothrix schenckii. 2003. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Veterinárias) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

David Driemeier

DRIEMEIER, D.; MEIRELES, Mario Carlos Araújo; SCHUBACH, Tãnia Maria Pacheco. Avaliação da virulencia entre isolados de Sporothix schenkii. 2004. Tese (Doutorado em Ciências Veterinárias) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Orientou

Claudia Beatriz de Mello

Estudo de marcadores oncológicos em cães com tumorações mamárias; Início: 2020; Dissertação (Mestrado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; (Orientador);

Camila de Moura Lima

Obesidade e comportamento felino; Início: 2019; Dissertação (Mestrado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; (Orientador);

Gustavo Boff

Xilazina: Uma nova perspectiva na atualidade; Início: 2019; Dissertação (Mestrado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; (Orientador);

Martha Bravo Cruz Pineiro

Uso de imunoduladores sistêmicos e tópicos como adjuvante no tratamento convencional dada esporotricose; Início: 2020; Tese (Doutorado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; (Orientador);

Bruno Chagas

Avaliação de uma nova molécula para ação antihelmintica em cães e gatos; Início: 2019; Tese (Doutorado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; (Orientador);

Risciela Brito

Uso de extratos vegetais no tratamento de otite externa; Início: 2019; Tese (Doutorado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; (Orientador);

Viviane Ribeiro Pereira

Infâncias em vulnerabilidade social: crianças (re)significando vivências através do ?photovoice? na interação com cães co-terapeutas; Início: 2019; Tese (Doutorado em Enfermagem) - Universidade Federal de Pelotas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; (Coorientador);

Alexander Ferraz

Ação de extratos vegetais frente a helmintos; Início: 2018; Tese (Doutorado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; (Orientador);

Fernanda Dagmar Krug

Estudo de alterações comportamentais e cognitivas em cães; Início: 2018; Tese (Doutorado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; (Orientador);

Débora Almeida

Intervenções Assistidas por animais; Início: 2019; Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Residência Multiprofissional) - Universidade Federal de Pelotas, Ministério da Educação e Cultura; (Orientador);

Eduarda Bierhals

Residência em clínica de pequenos animais; Início: 2019; Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Residência Multiprofissional) - Universidade Federal de Pelotas, Ministério da Educação e Cultura; (Orientador);

Brenda Camiotto

Relatório Curricular; Início: 2020; Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; (Orientador);

Thaísa da Silva Dias Munaretto

Relatório Curricular; Início: 2020; Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; (Orientador);

Sabrina de Oliveira Capella

Intervenções Assistidas por Animais e a diminuição do estresse; Início: 2020; Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Residência Multiprofissional) - Universidade Federal de Pelotas, Ministério da Educação e Cultura; (Orientador);

Antônio Gonçalves de Andrade Junior

Avaliação da ação da imunomodulação no tratamento de esporotricose experimental; Início: 2019; Iniciação científica (Graduando em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; (Orientador);

Martha Piñeiro

Avaliação da ação da imunomodulação no tratamento de esporotricose experimental; 2020; Dissertação (Mestrado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Martha Bravo Cruz Pineiro

Avaliação da ação da imunomodulação no tratamento de esporotricose experimental; 2020; Dissertação (Mestrado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Risciela Salardi Alves de Brito

Potencial terapêutico de formulações otológicas com extratos vegetais no tratamento da otite externa canina; 2019; Dissertação (Mestrado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas,; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Aurélio Luciano Costa

Utilização de formas farmacêuticas otológica contendo extratos vegetais no 19 tratamento de otite externa experimentalmente induzida em modelo murino; 2019; Dissertação (Mestrado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Bruno Cabral Chagas

Formulações farmacêuticas com base em Bixa orellana l e Triticum aestivum: alternativas inovadoras no controle de moscas da famíllia califorídeas; 2019; Dissertação (Mestrado em Parasitologia) - Universidade Federal de Pelotas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Laura Michelon

Aspectos epidemiológicos e mensuração da interleucina-10 em felinos com esporotricose no município de Pelotas (RS) e região; 2017; Dissertação (Mestrado em Parasitologia) - Universidade Federal de Pelotas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Fernanda D Martins Krug

Deficiência cognitiva canina; 2016; Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas,; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Paula Lages

Obesidade felina; 2016; Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Gustavo Forlani Soares

Atividade da Paraoxanase 1 em cães submetidos a terapia antineoplásica e avaliação do balanço oxidativo e parâmetros hematopoiéticos de ratas submetidas a Carboplatina e tratadas com extrato aquoso de Triticum aestivum e Hibiscus rosa-sinensis; 2016; Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Sabrina de Oliveira Capella

Atividade cicatricial utilizando urucum; 2015; Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas,; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Eduardo Garcia Fontoura

Rosmarinus officinalis L; e Triticum aestivum no tratamento de otite externa infecciosa; 2014; Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Thiago Vaz Lopes

Avaliação da ação cicatricial da seiva do Croton lechleri; 2014; Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Ciciane Pereira Marten Fernandes

Avaliação da ação cicatrizante e repelente de Carapa guianesis e Caesalpinea ferrea Mart; ; 2013; Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Tanise Fortes

Isolamento de Salmonella sp; em ruminantes abatidos em frigorífico de Pelotas, RS e avaliação da suscetibilidade dos isolados a antimicrobianos; ; 2013; Dissertação (Mestrado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas,; Coorientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Patrícia almeida Ferreira

Estudo de parâmetros bioquímicos de cães relacionados com condição cororal, jejum e alimentação; 2012; Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Caroline Ferreira Simon

Avaliação da histotoxicidade e de alterações metabólicas após o uso do etil-cianoacrilato e n-butil-cianoacrilato em camundongos; 2011; Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas,; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Mariana Teixeira Tillmann

Anti-sépticos e fitoterápicos na cicatrização de feridas; 2011; Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Graziela Wilhelm

Ressecção lateral do conduto auditivo externo: avaliação no tratamento da otite externa crônica e proposta do uso de adesivos; 2010; Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Anelize de Oliveira Campello Felix

Acompanhamento clínico, histopatológico e avaliação dos níveis de interleucina 10 de cães com demodicose crônica; 2010; Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Eduardo Negri Mueller

Avaliação e tratamento da otite externa canina; 2009; Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Melissa O

Xavier; Aspergilose em pingüins em cativeiro: diagnóstico, prevenção e controle em centro de recuperação de animais marinhos; 2007; Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Coorientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Isabel Martins Madrid

Sporothrix schenckii: importância da melanina na patogenicidade in vivo e a relação com o perfil molecular e sensibilidade a antifungicos; 2007; Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas,; Coorientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Anelise Afonso Martins

Avaliação da resposta imune dos felinos domésticos frente ao fungo Sporothrix schenckii e avaliação do uso de 1-3 beta-glucana associada ao antifungico itraconazol na esporotricose experimental; 2006; 0 f; Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas,; Coorientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Tatiana de Ávila Antunes

Efeito da terbinafina e do itraconazol no tratamento da esporotricose experimental; 2004; 78 f; Dissertação (Mestrado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas,; Coorientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Marlete Brum Cleff

Isolamento e identificação de leveduras da Microbiota vaginal de fêmeas caninas nas diferentes fases do ciclo estral; 2003; 80 f; Dissertação (Mestrado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Coorientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Renata Osóio de Faria

Ocorrência de Cryptococcus neoformans em excretas de pombos na cidade de Pelotas - RS; 2003; 58 f; Dissertação (Mestrado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas,; Coorientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Ana Raquel Mano Meinerz

Infecção pelo Vírus da Leucemia Felina (FeLV) e Microsporum canis em gatos domésticos (Felis Catus) mantidos em agrupamentos; 2002; 41 f; Dissertação (Mestrado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas,; Coorientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Patrícia da Silva Nascente

Malassezia pachydermatis em cães e gatos: estudo da frequência e avaliação da sensibilidade aos antifúngicos: cetoconazol, fluconazol e itraconazol; 2001; 0 f; Dissertação (Mestrado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas,; Coorientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Lorena Leonardo de Souza

Sporothrix schenckii: estudo epidemiológico em população de gatos; 2001; 0 f; Dissertação (Mestrado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas,; Coorientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Erica da Silva Silveira

Estudo do Trichophyton verrucosum em pele hígida e com lesões de bovinos; 2000; 0 f; Dissertação (Mestrado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas,; Coorientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Sabrina de Oliveira Capella

Potencial terapêutico de formulações no tratamento de feridas cutâneas; 2019; Tese (Doutorado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Eduardo Garcia Fontoura

Componentes etno farmacológicos do bioma do pampa: avaliação do potencial terapêutico e da segurança para uso em clínica de pequenos animais; 2018; Tese (Doutorado em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Carolina da Fonseca Sapin

Avaliação da disfunção cognitiva em cães e desenvolvimento de método de diagnóstico; 2018; Tese (Doutorado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas,; Coorientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Maria Teresa Nogueira

Terapia assistida pos animais em pacientes autistas; 2018; Tese (Doutorado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas,; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Gustavo Forloni Soares

Avaliação do uso da timomodulina em gatos naturalmente infectados com esporotricose cutânea disseminada; 2018; Tese (Doutorado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas,; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Gustavo Forlani Soares

Estresse oxidativo em felinos domésticos; 2016; Tese (Doutorado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas,; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Ciciane Pereira Marten Fernandes

Estudos toxicológicos de Triticum aestivum e Carapa guianensis e aplicabilidade clínica de Triticum aestivum na otite externa canina; ; 2015; Tese (Doutorado em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Sabrina de Oliveira Capella

Ensaio clínico da atividade cicatricial de extrato vegetal para o tratamento de lesões cutâneas em pequenos animais; 2015; Tese (Doutorado em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Patrícia de Almeida Ferreira

?Avaliação do metabolismo de carboidratos e lipídios de animais experimentais submetidos a dieta hiperlipídica tratados com o extrato ?Hibiscus rosa-sinensis; 2015; Tese (Doutorado em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas,; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Mariana Teixeira Tillmann

Caracterização citotóxica e cicatricial dos extratos Triticum aestivum e Copaífera sp; 2014; Tese (Doutorado em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Anelize de Oliveira Campello Felix

Avaliação de balanço oxidativo em cães com neoplasias mamárias e teste do óleo resina de copaíba como terapia adjuvante em ratos; 2014; Tese (Doutorado em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - UFPel, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Isabel Cristina Pereira

Neoplasmas mamários e níveis de cálcio e magnésio em fêmeas caninas; 2012; Tese (Doutorado em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Isabel Martins Madrid

Estudo das características fenotípicas, fatores de patogenicidade e suscetiblidade de isolados de Sporothrix schenckii frente a desinfetantes,; 2011; Tese (Doutorado em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Coorientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Eduardo Negri Mueller

Microclima do canal auditivo em cães e efeito do Rosmarinus officinalis L; e do Triticum vulgare no tratamento da otite externa experimental; 2011; Tese (Doutorado em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Anelize de Oliveira Campello Felix

Imumoduladores na cicatrização; 2010; Tese (Doutorado em Programa de Pós-graduação em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Samuel Rodrigues Félix

2015; Universidade Federal de Pelotas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Márcia de Oliveira Nobre;

Patrícia almeida Ferreira

2015; Universidade Federal de Pelotas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Márcia de Oliveira Nobre;

Eduardo Negri Mueller

2012; Universidade Federal de Pelotas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Márcia de Oliveira Nobre;

Carolina da Fonseca Sapim

INFLUÊNCIA DAS INTERVENÇÕES ASSISTIDAS POR ANIMAIS NA PRESSÃO ARTERIAL DOS ASSISTIDOS E COMO FATOR MOTIVACIONAL; 2020; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Residência Multiprofissional) - Universidade Federal de Pelotas, Ministério da Educação e Cultura; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Jéssica Paola Salame

ASSOCIAÇÃO DE IODETO DE POTÁSSIO E ITRACONAZOL COMO TERAPIA COMPARATIVA A MONOTERAPIA NO TRATAMENTO DA ESPOROTRICOSE FELINA; 2019; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Residência) - Universidade Federal de Pelotas, Ministério da Educação e Cultura; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Camila Moura de Lima

Intervenções Assistidas por Animais: Benefícios e efeitos aos seres humanos e cães terapeutas; 2019; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Residência) - Universidade Federal de Pelotas, Ministério da Educação e Cultura; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Marcio Brito

Relatório Curricular; 2019; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Fernanda Dagmar Krug

Atividade, terapia e educação mediada por animais; 2018; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Residência Multiprofissional) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Carolina da Fonseca Sapin

INFLUÊNCIA DAS INTERVENÇÕES ASSISTIDAS POR ANIMAIS NA PRESSÃO ARTERIAL DOS ASSISTIDOS E COMO FATOR MOTIVACIONAL; 2018; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Residência Multiprofissional) - Universidade Federal de Pelotas, Ministério da Educação e Cultura; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Jéssica Paola Salame

Rotina clinica em pequenos animais; 2017; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Residência Multiprofissional) - Universidade Federal de Pelotas, Ministério da Educação e Cultura; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Jéssica Paola Salame

Estágio curricular supervisionado; 2017; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Alana Hijano

Estagio curricular supervisionado; 2017; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Aline Vianna

Estágio curricular supervisionado; 2017; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Charles Lima

Avaliação do paciente canino geriátrico com ênfase no perfil renal e cognitivo; 2016; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Residência Multiprofissional) - Universidade Federal de Pelotas, Ministério da Educação e Cultura; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Carolina Decker Lemos

Avaliações ecocardiográficas e radiográficas do coração de cães relacionando com sinais clínicos; 2014; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Residência Multiprofissional) - Universidade Federal de Pelotas, Ministério da Educação e Cultura; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Cristiane de Lima Athayde

Níveis séricos de creatinoquinase-MB em cães com se sem sinais de cardiopatia; 2014; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Residência Multiprofissional) - Universidade Federal de Pelotas, Ministério da Educação e Cultura; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Graziela Wilhelm

Otite externa em cães: revisão da literatura; 2010; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Clínica Médica de Pequenos Animais) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Ciciane Pereira Marten Fernandes

Residência em Clínica Médica de pequenos animais; 2010; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Mariana Teixeira Tillmann

Residência em Clínica Médica de pequenos animais; 2009; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Mônica Lemos

Residência em Clínica Médica de Pequenos Animais II; 2009; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Camila Basso Cartana

Residência em Clínica Médica; 2008; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Mônica Lemos

Residência em Clínica Médica de Pequenos Animais I; 2008; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Eduardo Negri Mueller

Residência em clínica médica veterinária; 2007; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Camila Basso Cartana

Residência em Clínica Médica de Pequenos Animais; 2007; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Daiser Paulo A Sampaio Jr

Esporotricose felina com envolvimento zoonótico: relato de um caso na cidade de Pelotas; 2004; 31 f; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Clínica de Pequenos Animais) - Sociedade Paranaense de Medicina Veterinária Sociedade Pernambucana de Medi; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

luciana Aquini Fernandes

Sinusites fúngicas; 1999; 0 f; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Microbiologia) - Universidade de Caxias do Sul; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Eduarda Bierhals

Estágio curricular supervisionado; 2018; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Mariane Osielski

Estágio curricular supervisionado; 2018; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Thalanty Mayara Gallego

Estágio Curricular Supervisionado; 2018; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Gabriela Santana Morais

Estágio Curricular supervisionado; 2018; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Nicole Chaplin

Estágio Curricular Supervisionado; 2018; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Nathalia Bock

Estágio Curricular Supervisionado; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Henrique Antunes

Estágio Curricular Supervisionado; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Priscila da Silveira Marques

Estagio Curricular Supervisionado; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Rodrigo Franco Bastos

Estágio Curricular Supervisionado; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Martha Piñeiro

Estágio curricular supervisionado; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Natália Kern Nunes

Estágio Curricular Supervisionado; 2016; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

André Cascadan

Estágio Curricular Supervisionado; 2016; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Claúdia Beatriz de Mello Mendes

Estágio Curricular Supervisionado; 2016; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Sergiane Baes Pereira

Estágio Curricular Supervisionado; 2016; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Taís Teixeira Zambarda

Estágio curricular supervisionado do curso de medicina veterinária; 2015; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Raquel Galli Lucena

Estágio curricular supervisionado do curso de medicina veterinária; 2015; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Giulia Mucillo

Relatório de estágio curricular supervisionado; 2015; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Camilla Vedana

Relatório de estágio curricular supervisionado; 2015; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Luciane Severo Francisco

Estágio curricular supervisionado do curso de medicina veterinária; 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Amanda Camargo Rodrigues

Estágio curricular supervisionado do curso de medicina veterinária; 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Laura Michelon

Estágio curricular supervisionado do curso de medicina veterinária; 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Cristina Pinto Mundstock

Estágio curricular supervisionado do curso de medicina veterinária; 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Fernanda da Silva Policarpo

Estágio curricular supervisionado do curso de medicina veterinária; 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Virgínia Harder Gonçalves

Estágio curricular supervisionado em clínica médica e cirúrgica de pequenos animais; 2013; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Charles Silva de Lima

Estágio curricular supervisionado em clínica médica e cirúrgica de pequenos animais; 2013; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Camila Machado

Estágio curricular supervisionado em clínica médica e cirúrgica de pequenos animais; 2013; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Stephanie de Souza Theodoro

Estágio curricular supervisionado em clínica médica e cirúrgica de pequenos animais; 2013; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Soliane Carra Perera

Estágio curricular supervisionado em clínica médica e cirúrgica de pequenos animais; 2013; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Carla da Silva Canielles

Clínica Médica de Pequenos Animais; 2012; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Sabrina de Oliveira Capella

Clínica Médica de Pequenos Animais; 2012; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Idalini Cima

Clínica Médica de Pequenos Animais; 2012; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Cristiane da Silveira Costa

Clínica Médica de Pequenos Animais; 2012; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Tiago Zim da Silva

Clínica Médica de Pequenos Animais; 2012; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Êmille Gedoz Guiot

Estágio curricular supervisionado em clínica Médica e cirúrgica de pequenos animais; 2011; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Marluce Stein

Estágio curricular supervisionado em clínica Médica e cirúrgica de pequenos animais; 2011; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

TATIANA ROSA FERNANDES

Estágio curricular supervisionado em clínica médica e cirúrgica de pequenos animais; 2011; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Elisângela Coelho Fischer

Estágio curricular supervisionado na área de clínica médica e cirúrgica de pequenos animais; 2011; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Lucimara Konflanz Bergmann

Clínica Médica de Pequenos Animais; 2011; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Anelise Borgartz

Estágio curricular supervisionado em clínica Médica e cirúrgica de pequenos animais; 2011; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Lucimara Sprandel

Estágio curricular supervisionado em clínica Médica e cirúrgica de pequenos animais; 2011; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Marina Piccoli Facco

Estágio curricular supervisionado em clínica Médica e Cirúrgica de pequenos animais; 2010; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Alexandre Corrêa

Estágio curricular supervisionado em clínica Médica e Cirúrgica de pequenos animais; 2010; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Aline Pinto de Pinto

Estágio curricular supervisionado em clínica Médica e Cirúrgica de pequenos animais; 2010; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Vanessa Edon Moraes

Estágio curricular supervisionado em clínica Médica e Cirúrgica de pequenos animais; 2010; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Paulo Bassi

Estágio curricular supervisionado em clínica Médica e Cirúrgica de pequenos animais; 2009; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Tatiana Regina Lichmann

Estágio curricular supervisionado em clínica Médica e Cirúrgica de pequenos animais; 2009; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Ciciane Pereira Marten

Estágio curricular supervisionado em clínica Médica e Cirúrgica de pequenos animais; 2009; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

PEDRO LUIZ COIMBRA REIS

Estágio curricular supervisionado em clínica Médica e Cirúrgica de pequenos animais; 2009; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Bianca da Silva

Estágio curricular supervisionado na área de clínica médica e cirúrgica de pequenos animais; 2009; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Priscila Curi

Estágio curricular supervisionado na área de clínica médica e cirúrgica de pequenos animais; 2009; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Bruna Rondini

Estágio curricular supervisionado na área de clínica médica e cirúrgica de pequenos animais; 2009; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Cecília Nogueira

Estágio curricular supervisionado na área de clínica médica e cirúrgica de pequenos animais; 2009; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Maria Alice Gomes Fernandes

Estágio Curricular Supervisionado em Clínica Médica e Cirúrgica de pequenos animais; ; 2008; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Lidiane dos Santos da Silva

Estágio Curricular Supervisionado em Clínica e Cirurgia de pequenos animais; 2008; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Michele Segatto

Estágio Curricular Supervisionado em Clínica e Cirurgia de pequenos animais; 2008; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Patrícia Lisiane Santos da Silva

Estágio Curricular Supervisionado em Clínica e Cirurgia de pequenos animais; 2008; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Marcela Fracaroli

Estágio Curricular Supervisionado em Clínica e Cirurgia de pequenos animais; 2008; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Rosema Santin

Relatório de estágio supervisionado na área de clínica e cirurgia de pequenos animais; 2007; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Vanessa Roveda

Relatório de estágio supervisionado na área de clínica e cirurgia de pequenos animais; 2007; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Simone Porto

Relatório de estágio supervisionado na área de clínica e cirurgia de pequenos animais; 2007; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Anelize Campelo

Relatório de estágio supervisinado na área de clínica e cirurgia de pequenos animais; 2007; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Rose Karina Corrêa

Relatório de estágio supervisionado na área de clínica e cirurgia de pequenos animais; 2007; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Michele Berselli

Relatório de estágio supervisionado na área de clínica e cirurgia d pequenos animais; 2007; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Daniela Goulart Xavier

Estágio Curricular Supervisionado em Clínica Médica e Cirúrgica de pequenos animais; 2007; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Antonella Souza Mattei

Estágio Curricular Supervisionado em Clínica Médica e Cirúrgica de pequenos animais; 2007; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Mariana Teixeira Tillmann

Estágio Curricular Supervisionado em Clínica Médica e Cirúrgica de pequenos animais; 2007; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Carolina Sallis Pereira Bitencourt

Relatório de estágio supervisionado na área de clínica e cirurgia de pequenos animais; 2006; 84 f; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Sérgio Jorge

Relatório de estágio supervisionado na área de clínica e cirurgia de pequenos animais; 2006; 62 f; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Lúcio Cereta

Relatório de estágio supervisionado na área de clínica e cirurgia de pequenos animais; 2006; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Aline Palma

Relatório de estágio supervisionado na área de clínica e cirurgia de pequenos animais; 2006; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Vanessa Bulling

Relatório de estágio suervisionado na área de clínica e cirurgia d pequenos animais; 2006; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Isabel Martins Madrid

Relatório de estágio curricular supervisionado em medicina veterinária - área de clínica médica e cirurgica de pequenos animais; 2005; 66 f; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Daniele Weber Fernandes

Mensuração da interleucina-10 sérica de gatos com esporotricose; 2019; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Jordana de Moura Dias

Potencial terapêutico de fitoterápicos no tratamento da otite externa; 2018; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Marcio Brito

Ensaio clínico da atividade cicatricial de extrato vegetal para o tratamento de lesões cutâneas em pequenos animais; 2018; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Marcio Brito

Atividade cicatricial da Copaifera sp, Croton Lecheleri e Bixa Orellana L; ; 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Eduarda Bierhals

Caracterização toxicológica e funcional do extrato aquoso de LCEA206; 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Beatriz Alcalá

Atividade assistida por animais: Os efeitos para os humanos e cães terapeutas; 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Marcio Brito

Ensaio clínico da atividade cicatricial de extrato vegetal para o tratamento de lesões cutâneas em Pequenos Animais; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Thalanty Mayara Gallego

Mensuração da interleucina-10 sérica de gatos com esporotricose; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Marcio Brito

Atividade Cicatricial da Copaifera sp; , Croton Lecheleri e Bixa Orellana L; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Sergiane Baes Pereira

Atividade Cicatricial da Copaifera sp; , Croton Lecheleri e Bixa Orellana L; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Jéssica Paola Salame

Avaliação do metabolismo de carboidratos e lipídios de animais experimentais submetidos a dieta hipercalórica tratados com o extrato Hibiscus rosa-sinensis; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Claudia Beatriz de Mello

ENSAIO DE TOXICIDADE AGUDA E DE LONGA DURAÇÃO DOS EXTRATOS DE ANDIROBA (carapa guianensis), COPAÍBA (copaifera spp; ), TRIGO (triticum aestivum), HIBISCO (hibiscus rosa-sinensis), DOURADINHA DO CAMPO (waltheria douradinha) E CARRAPICHO (xanthium cavanillesii); 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Rodrigo Franco Bastos

Avaliação do metabolismo de carboidratos e lipídios de animais experimentais submetidos a dieta hipercalórica tratados com extrato de Hibiscus rosa-sinensis; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Sergiane Baes Pereira

Estágio Curricular Supervisionado; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Claúdia Beatriz de Mello Mendes

Componentes etno farmacológicos do bioma do pampa: avaliação do potencial terapêutico e da segurança para uso em clínica de pequenos animais; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Jéssica Paola Salame

Ensaio de toxicidade aguda e de longa duração dos extratos de andiroba (Carapa guianensis), copaíba (Copaifera spp; ), trigo (Triticum aestivum), hibisco (Hibiscus rosa-sinensis), douradinha do campo (Waltheria douradinha) e carrapicho (Xanthium cavanilles; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Alana Hijano

Avaliação do efeito cicatrizante de Carapaguianensis e Caesalpiniaferrea Mart; exTul; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Claúdia Beatriz de Mello Mendes

Comportamento de neoplasmas mamários frente ao uso de antixidantes; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Luciane Severo Francisco

Escore corporal relacionado com glicemia, metabolismo lipídico e marcadores cardíacos de cães; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Vanessa de Souza Izquierdo

Tratamento da otite externa por Staphylococcus aureus com Rosmarinus officinalis e Triticum vulgare; 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Claúdia Beatriz de Mello Mendes

ClinPet - Grupo de Pesquisa, Ensino e Extensão em Clínica de Pequenos Animais; 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Alana Hijano

Avaliação do efeito cicatrizante de Carapa guianesis e Caesalpinia ferrea Mat; ; 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Samanta da Cunha Ramos

Avaliação e tratamento de feridas cirúrgicas em cães; 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Êmille Gedoz Guiot

Estudo da eficácia da moxidectina no tratamento da demodicose e da escabiose canina; 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Êmille Gedoz Guiot

Avaliação e tratamento da otite externa canina; 2009; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Êmille Guiott

Tratamento da otite externa canina; 2008; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Antonella Mattei

Sporothrix schenckii importância da meanina na patogenicidade in vivo relacionado com o perfil molecular e sensibilidde a antifúngicos; 2007; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Êmille Gedoz Guiot

Avaliação e tratamento da otite externa canina; 2007; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Antonella Mattei

Sporothrix schenckii importância da meanina na patogenicidade in vivo relacionado com o perfil molecular e sensibilidde a antifúngicos; 2006; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Antonella de Souza Mattei

Sporothrix schenckii: importância da melanina na patogenicidade in ivo em relação com o perfil molecular e sensibilidade a antifúngicos; 2005; 56 f; Iniciação Científica; (Graduando em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Eugênia Tavares Barwaldt

Extensão em clínica de pequenos animais; 2019; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Edgar Cleiton da Silva

Ensino em clínica de pequenos animais; 2019; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Juliana Costa da Costa

Extensão em intervenções assistidas por animais; 2019; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Tainã Rosa da Silva

Extensão em intervenções assistidas por animais; 2019; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Mirela Mallmann Schmalfuss

Ensino em intervenções assistidas por animais; 2019; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Mairana Venzo

Relatório Curricular; 2019; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Simone Batista

Relatório Curricular; 2019; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Thaísa da Silva Dias Munaretto

ClinPet: Grupo de ensino em clínica de pequenos animais; 2018; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Antônio Gonçalves de Andrade Junior

ClinPet: Grupo de ensino em clínica de pequenos animais; 2018; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Edgar Cleiton da Silva

ClinPet-Grupo de Pesquisa, Ensino e Extensão em Clínica de Pequenos Animais; 2018; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Emanuele Prado Silva

Pet terapia: atividade, educação e terapia mediada por animais; 2018; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Mariana Santos Martins

Pet terapia: atividade, educação e terapia mediada por animais; 2018; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Anne Karoline Flores

Pet Terapia: Animais como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais; 2018; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Edgar Cleiton da Silva

ClinPet-Grupo de Pesquisa, Ensino e Extensão em Clínica de Pequenos Animais; 2017; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Thalanty Mayara Gallego

ClinPet: Grupo de ensino em clínica de pequenos animais; 2017; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Anne Karoline Flores

Pet terapia: atividade, educação e terapia mediada por animais; 2017; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Liandra Tolfo Dotta

Pet Terapia: Animais como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais; 2017; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Martha Piñeiro

Clínpet - Projeto de Ensino em Clínica de Pequenos Animais; 2016; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Milena Cleff

Projeto de Extensão em Clínica de Pequenos Animais; 2016; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Michele Bilhalva Palhano

Pet terapia- Intervenções mediadas por animais; 2016; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Débora Almeida

Pet terapia- Intervenções mediadas por animais; 2016; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Nathalia Bock

Pet terapia- Intervenções mediadas por animais; 2016; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Arthur Espinosa

Pet terapia- Intervenções mediadas por animais; 2016; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Jéssica Ramires Barbier

Pet terapia- Intervenções mediadas por animais; 2016; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Mariane Sievers Osielski

ClinPet - Grupo de Pesquisa, Ensino e Extensão em Clínica de Pequenos Animais; 2015; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Eduarda Bierhals

ClinPet - Grupo de Pesquisa, Ensino e Extensão em Clínica de Pequenos Animais; 2015; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Camila Louzada Valente

ClinPet - Grupo de Pesquisa, Ensino e Extensão em Clínica de Pequenos Animais; 2015; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Jéssica Ramires Barbier

Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais; 2015; Orientação de outra natureza; (Zootecnia) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Michele Bilhalva Palhano

Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais; 2015; Orientação de outra natureza; (Zootecnia) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Milena Turatti Fonseca

Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais; 2015; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Renata Do Prá Alano

Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais; 2015; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Thaiane Vieira Rodrigues

Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais; 2015; Orientação de outra natureza; (Zootecnia) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Vitória Daudt Hoff

Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais; 2015; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Nathalia Bock

Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais; 2015; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Natália Kern Nunes

Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais; 2015; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Mariana Pereira Martins

ClinPet - Grupo de Pesquisa, Ensino e Extensão em Clínica de Pequenos Animais; 2014; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Camila Lima

ClinPet - Grupo de Pesquisa, Ensino e Extensão em Clínica de Pequenos Animais; 2014; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Fernanda Rodrigues Mendonça

Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais; 2014; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

DANIEL VASCONCELLOS

Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais; 2014; Orientação de outra natureza; (Zootecnia) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Carolina Cestito

Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais; 2014; Orientação de outra natureza; (Zootecnia) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Karen Lucas de Lemos

Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais; 2014; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Andreia Nobre Anciuti

Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais; 2014; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Martha Piñeiro

Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais; 2014; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Samantha Wally Jorge

Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais; 2014; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Natália Kern Nunes

Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais; 2014; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Mirele Bragato

Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais; 2014; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Gabriela Soares Waichel

Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais; 2014; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Nathalia Bock

Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais; 2014; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Talita Lobo Ochôa

Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais; 2014; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Anna Laux

Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais; 2014; Orientação de outra natureza; (Design Gráfico) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Luiza Kovalscki

Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais; 2014; Orientação de outra natureza; (Design Gráfico) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Joseana de Lima

Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais; 2014; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Eder Rickes

Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais; 2014; Orientação de outra natureza; (Arquitetura e Urbanismo) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Márcio Britto

Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais; 2014; Orientação de outra natureza; (Zootecnia) - Universidade Federal de Pelotas, Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Emanuelle Prado

Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais; 2014; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Diego Gamboa

Ciências sem Fronteiras; 2014; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Eduarda Ribeiro Rosa

ClinPet - Grupo de Pesquisa, Ensino e Extensão em Clínica de Pequenos Animais; 2014; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Fabiola Cardoso Vieira

ClinPet - Grupo de Pesquisa, Ensino e Extensão em Clínica de Pequenos Animais; 2014; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Gabriela Morais Santana

ClinPet - Grupo de Pesquisa, Ensino e Extensão em Clínica de Pequenos Animais; 2014; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Luísa Grecco Corrêa

ClinPet - Grupo de Pesquisa, Ensino e Extensão em Clínica de Pequenos Animais; 2014; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Tábata Pereira Dias

ClinPet - Grupo de Pesquisa, Ensino e Extensão em Clínica de Pequenos Animais; 2014; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Aurélio Luciano da Costa

Ciências sem Fronteiras; 2014; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Alana Hijano

Ciências sem Fronteiras; 2014; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

André Cascadan

Ciências sem Fronteiras; 2014; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

João Pedro Alves

Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais; 2014; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Débora Almeida

Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais; 2014; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Taís Teixeira Zambarda

ClinPet - Grupo de Pesquisa, Ensino e Extensão em Clínica de Pequenos Animais; 2013; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Jéssica Paola Salame

ClinPet - Grupo de Pesquisa, Ensino e Extensão em Clínica de Pequenos Animais; 2013; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Laura Michelon

ClinPet - Grupo de Pesquisa, Ensino e Extensão em Clínica de Pequenos Animais; 2013; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Giulia Bonfiglio Muccillo

ClinPet - Grupo de Pesquisa, Ensino e Extensão em Clínica de Pequenos Animais; 2013; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Cristina Mundstock

ClinPet - Grupo de Pesquisa, Ensino e Extensão em Clínica de Pequenos Animais; 2013; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Amanda Camargo Rodrigues

Zooterapia em cães como auxiliares na reabilitaçào de pessoas com necessidades especiais; 2013; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Jéssica Paola Salame

Zooterapia em cães como auxiliares na reabilitaçào de pessoas com necessidades especiais; 2013; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Mariane Safons

Zooterapia em cães como auxiliares na reabilitaçào de pessoas com necessidades especiais; 2013; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Lucas Schneider

Zooterapia em cães como auxiliares na reabilitaçào de pessoas com necessidades especiais; 2013; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

André Cascadan

ClinPet - Grupo de Pesquisa, Ensino e Extensão em Clínica de Pequenos Animais; 2012; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Aurélio Luciano Costa

ClinPet - Grupo de Pesquisa, Ensino e Extensão em Clínica de Pequenos Animais; 2012; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Bruna Daniela dos Santos Valle

ClinPet - Grupo de Pesquisa, Ensino e Extensão em Clínica de Pequenos Animais; 2012; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Caroline Munhoz

Zooterapia em cães como auxiliares na reabilitaçào de pessoas com necessidades especiais; 2012; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Ciliane Marroni

Zooterapia em cães como auxiliares na reabilitaçào de pessoas com necessidades especiais; 2012; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Fernanda Gallas Benedetti

Zooterapia em cães como auxiliares na reabilitaçào de pessoas com necessidades especiais; 2012; Orientação de outra natureza; (Medicina) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Lucinéia Volter Nunes

Zooterapia em cães como auxiliares na reabilitaçào de pessoas com necessidades especiais; 2012; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Flávia Abentroth

Zooterapia em cães como auxiliares na reabilitaçào de pessoas com necessidades especiais; 2012; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Natália Kern Nunes

Zooterapia em cães como auxiliares na reabilitaçào de pessoas com necessidades especiais; 2012; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Greyce Silveira Mello

Zooterapia em cães como auxiliares na reabilitaçào de pessoas com necessidades especiais; 2012; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Laura Andruccioli Lucas

Zooterapia em cães como auxiliares na reabilitaçào de pessoas com necessidades especiais; 2012; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Charles Silva de Lima

ClinPet - Grupo de Pesquisa, Ensino e Extensão em Clínica de Pequenos Animais; 2012; Orientação de outra natureza; (Medicina) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Fernanda da Silva Policarpo

ClinPet - Grupo de Pesquisa, Ensino e Extensão em Clínica de Pequenos Animais; 2012; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Stephanie de Souza Theodoro

ClinPet - Grupo de Pesquisa, Ensino e Extensão em Clínica de Pequenos Animais; 2012; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Cristiane Costa

Zooterapia em cães como auxiliares na reabilitaçào de pessoas com necessidades especiais; 2012; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Gabriela Suanes

Zooterapia em cães como auxiliares na reabilitaçào de pessoas com necessidades especiais; 2012; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Ariana Gayer Ferro

ClinPet - Grupo de Pesquisa, Ensino e Extensão em Clínica de Pequenos Animais; 2012; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Camilla Vedana

ClinPet - Grupo de Pesquisa, Ensino e Extensão em Clínica de Pequenos Animais; 2012; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Fabiana Sica Poetsch

ClinPet - Grupo de Pesquisa, Ensino e Extensão em Clínica de Pequenos Animais; 2012; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Raquel Galli Lucena

ClinPet - Grupo de Pesquisa, Ensino e Extensão em Clínica de Pequenos Animais; 2012; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Tainá Thiara Soares Gonçalves

ClinPet - Grupo de Pesquisa, Ensino e Extensão em Clínica de Pequenos Animais; 2011; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Sabrina de Oliveira Capella

Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitaçào de pessoas com necessidades especiais; 2011; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, UFPel; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Vanessa Edon Moraes

Zooterapia em cães como auxiliares na reabilitaçào de pessoas com necessidades especiais; 2009; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Rafael Nunes Siqueira

Curso de Capacitação Profissional de Técnicos em Agropecuária em Nível Tecnológico para Atuação na Criação e Sanidade de Pequenos Animais; 2009; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, SETEC/MEC; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Lucimara Konflanz Bergmann

Curso de Capacitação Profissional de Técnicos em Agropecuária em nível Tecnológico para Atuação na Criação e Sanidade de Pequenos Animais; 2009; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, SETEC/MEC; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Joana Jordana Jacommy Silveira

Curso de Capacitação Profissional de Técnicos em Agropecuária em nível Tecnológico para Atuação na Criação e Sanidade de Pequenos Animais; 2009; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, SETEC/MEC; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Marina Piccoli Facco

Curso de Capacitação Profissional de Técnicos em Agropecuária em nível Tecnológico para Atuação na Criação e Sanidade de Pequenos Animais; 2009; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, SETEC/MEC; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Samanta da Cunha Ramos

Curso de Capacitação Profissional de Técnicos em Agropecuária em nível Tecnológico para Atuação na Criação e Sanidade de Pequenos Animais; 2009; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, SETEC/MEC; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Juliana Souza da Silva

Curso de Capacitação Profissional de Técnicos em Agropecuária em nível Tecnológico para Atuação na Criação e Sanidade de Pequenos Animais; 2009; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, SETEC/MEC; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Caroline Simon

Curso de capacitação profissional de técnicos em agropecúaria em nível tecnológico para atuação na criação e sanidade de pequenos animais; 2009; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, SETEC/MEC; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Bernardo Schimit

Monitoria em clínica Médica; 2009; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Patrícia Lisiane da Silva

Curso de capacitação profissional de técnicos em agropecúaria em nível tecnológico para atuação na criação e sanidade de pequenos animais; 2009; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, SETEC/MEC; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Maureen Hoch Vieira Fernandes

Educação, saúde coletiva e bem-estar animal: a veterinária em ações socialmente referenciadas; 2009; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Aline Pinto de Pinto

Grupo de pesquisa, ensino e extensão em pequenos animais; 2009; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Cátia Duarte Quadrado

Curso de capacitação profissional de técnicos em agropecúaria em nível tecnológico para atuação na criação e sanidade de pequenos animais; 2009; Orientação de outra natureza - Conjunto Agrotécnico "Visconde da Graça", SETEC/MEC; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Daiane da Silva Kaufmann

Curso de capacitação profissional de técnicos em agropecúaria em nível tecnológico para atuação na criação e sanidade de pequenos animais; 2009; Orientação de outra natureza - Conjunto Agrotécnico "Visconde da Graça", SETEC/MEC; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Gabriel Soares Mena

Curso de capacitação profissional de técnicos em agropecúaria em nível tecnológico para atuação na criação e sanidade de pequenos animais; 2009; Orientação de outra natureza - Conjunto Agrotécnico "Visconde da Graça", SETEC/MEC; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Natália Wennesheiner Bastos

Curso de capacitação profissional de técnicos em agropecúaria em nível tecnológico para atuação na criação e sanidade de pequenos animais; 2009; Orientação de outra natureza - Conjunto Agrotécnico "Visconde da Graça", SETEC/MEC; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Suelen dos Santos Goetzke

Curso de capacitação profissional de técnicos em agropecúaria em nível tecnológico para atuação na criação e sanidade de pequenos animais; 2009; Orientação de outra natureza - Conjunto Agrotécnico "Visconde da Graça", SETEC/MEC; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Valdinete Barros

Curso de capacitação profissional de técnicos em agropecúaria em nível tecnológico para atuação na criação e sanidade de pequenos animais; 2009; Orientação de outra natureza - Conjunto Agrotécnico "Visconde da Graça", SETEC/MEC; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Débora Zatt Reckziegel

Curso de capacitação profissional de técnicos em agropecúaria em nível tecnológico para atuação na criação e sanidade de pequenos animais; 2009; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, SETEC/MEC; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Fernanda da Silva Policarpo

Curso de capacitação profissional de técnicos em agropecúaria em nível tecnológico para atuação na criação e sanidade de pequenos animais; 2009; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, SETEC/MEC; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Marluce Stein

Curso de capacitação profissional de técnicos em agropecúaria em nível tecnológico para atuação na criação e sanidade de pequenos animais; 2009; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, SETEC/MEC; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Sabrina Capella

Curso de capacitação profissional de técnicos em agropecúaria em nível tecnológico para atuação na criação e sanidade de pequenos animais; 2009; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, SETEC/MEC; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Tainá Thiara Soares Gonçalves

Curso de capacitação profissional de técnicos em agropecúaria em nível tecnológico para atuação na criação e sanidade de pequenos animais; 2009; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, SETEC/MEC; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Vanessa de Souza Isquierdo

Curso de capacitação profissional de técnicos em agropecúaria em nível tecnológico para atuação na criação e sanidade de pequenos animais; 2009; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, SETEC/MEC; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Camila Silveira Borges

Curso de capacitação profissional de técnicos em agropecúaria em nível tecnológico para atuação na criação e sanidade de pequenos animais; 2009; Orientação de outra natureza - Conjunto Agrotécnico "Visconde da Graça", SETEC/MEC; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Sandra Mára Pires Moreira

Curso de capacitação profissional de técnicos em agropecúaria em nível tecnológico para atuação na criação e sanidade de pequenos animais; 2009; Orientação de outra natureza - Conjunto Agrotécnico "Visconde da Graça", SETEC/MEC; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Alexandre Corrêa

Veterinária e a Saúde ambiental Urbana: Ação para Controle Populacional de Cães No Município de Pelotas; 2009; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Fernanda da Silva Policarpo

Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais; 2009; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Sabrina de Oliveira Capella

Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais; 2009; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Rafael Nunes Siqueira

Bolsista de desempenho acadêmico; 2008; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Alexandre Corrêa

Bolsista de desempenho acadêmico; 2008; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

[Nome removido após solicitação do usuário]

Bolsista de graduação; 2008; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Cíntia Buzzo

Relatório de Estágio Curricular Supervisionado em Clínica Médica e Cirúrgica de pequenos animais; 2008; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Aline Pinto de Pinto

Zooterapia cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais; 2008; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Vanessa Edon Moraes

Zooterapia cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais; 2008; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Paula Bassi

Monitoria em Clínica Médica; 2008; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Lucimara Bergmann

Zooterapia em cães como auxiliares na reabilitaçào de pessoas com necessidades especiais; 2007; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Priscila Cury

Zooterapia em cães como auxiliares na reabilitaçào de pessoas com necessidades especiais; 2007; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Luiza Osório

Zooterapia em cães como auxiliares na reabilitaçào de pessoas com necessidades especiais; 2007; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Marcela Frocaroli

Zooterapia em cães como auxiliares na reabilitaçào de pessoas com necessidades especiais; 2007; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Bruna Ciria da siva

Zooterapia em cães como auxiliares na reabilitaçào de pessoas com necessidades especiais; 2007; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Lidiane dos Santos da Silva

Zooterapia em cães como auxiliares na reabilitaçào de pessoas com necessidades especiais; 2007; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Juliana Souza da Silva

Zooterapia em cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais; 2007; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Luana Carina Azzolini

Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais; 2007; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Carla da Silva Canielles

Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais; 2007; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Lucimara Konflanz Bergmann

Zooterapia:cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais; 2007; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Juliana Souza da Silva

Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais; 2007; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

LUCIANA DE SOUZA

Monitoria em Clínica Médica; 2007; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Cristian Travassos

Zooterapia em cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais; ; 2007; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Renata Dias

Fungos em ambientes hospitalares e ambulatoriais; 2006; Orientação de outra natureza; (Enfermagem e Obstetrícia) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Renata Fagundes

Fungos em ambientes hospitalares e ambulatoriais; 2006; Orientação de outra natureza; (Enfermagem e Obstetrícia) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Andréia Dias

Fungos em ambientes hospitalares; 2006; Orientação de outra natureza; (Enfermagem e Obstetrícia) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Juliana Zilmer

Fungos em ambientes hospitalares e ambulatoriais; 2006; Orientação de outra natureza; (Enfermagem e Obstetrícia) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Anelize de Oliveira Campello

Pesquisa de hemoparasitas (Ehrlichia canis e Babesia canis) em cães atendidos no Hospital de Clínicas Veterinárias da Universidade Federal de Pelotas; 2006; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Simone Porto

Pesquisa de hemoparasitas (Ehrlichia canis e Babesia canis) em cães atendidos no Hospital de Clínicas Veterinárias da Universidade Federal de Pelotas; 2006; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Michele Berselli

Pesquisa de hemoparasitas (Ehrlichia canis e Babesia canis) em cães atendidos no Hospital de Clínicas Veterinárias da Universidade Federal de Pelotas; 2006; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Vanessa Bulling

Pesquisa de hemoparasitas (Ehrlichia canis e Babesia canis) em cães atendidos no Hospital de Clínicas Veterinárias da Universidade Federal de pelotas; 2006; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Michele Berselli

Zooterapia em cães como auxiliares na reabilitaçào de pessoas com necessidades especiais- Projeto piloto; 2006; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Mariana Tilmann

Zooterapia em cães como auxiliares na reabilitaçào de pessoas com necessidades especiais- Projeto piloto; 2006; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Simone Porto

Zooterapia em cães como auxiliares na reabilitaçào de pessoas com necessidades especiais- Projeto piloto; 2006; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

LUCIANA DE SOUZA

Zooterapia em cães como auxiliares na reabilitaçào de pessoas com necessidades especiais- Projeto piloto; 2006; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Carolina Sarmento

Zooterapia em cães como auxiliares na reabilitaçào de pessoas com necessidades especiais- Projeto piloto; 2006; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Anelize Campello

Zooterapia em cães como auxiliares na reabilitaçào de pessoas com necessidades especiais- Projeto piloto; 2006; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Vanessa Bulling

Monitoria em Clínica Médica; 2006; Orientação de outra natureza; (Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Anelise Afonso Martins

Fungos oportunistas em clínicas veterinárias de pequenos animais; 2004; 0 f; Orientação de outra natureza - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Andrea Dias

Fungos em ambientes hospitalares e ambulatoriais; 2004; 0 f; Orientação de outra natureza - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Juliana Zilmer

Fungos em ambientes hospitalares e ambulatoriais; 2004; 0 f; Orientação de outra natureza - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Renata Fagundes

monitoramento; 2004; 0 f; Orientação de outra natureza - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Anelise Afonso Martins

Diferença de patogenicidade entre cepas de Sporothrix schenckii; 2003; 0 f; Orientação de outra natureza - Universidade Federal de Pelotas, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Isabel Martins Madrid

Diferenças de patogeniciadades entre cepas de Sporothrix schenckii; 2003; 0 f; Orientação de outra natureza - Universidade Federal de Pelotas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Clauz Liebsch

Aflatoxicose aguda e crônica em suínos e Aflatoxicose experimental em suínos com monitoramento de micotoxinas (aflatoxinas e zearalenona); 1999; 0 f; Orientação de outra natureza - Universidade Federal de Pelotas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Diego Moscareli Pinto

Aflatoxicose experimental em suínos com monitoramento de micotoxinas (aflatoxinas e zearalenona) em rações e ingredientes; 1999; 0 f; Orientação de outra natureza - Universidade Federal de Pelotas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Joseana Garcia

Presença de Malassezia pachydermatis e outros agentes infeciosos nas otites externas e dermatites em cães; 1998; 0 f; Orientação de outra natureza - Universidade Federal de Pelotas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Luciano Sena de Souza

Aflatoxicose aguda e crônica em suínos; 1996; 0 f; Orientação de outra natureza - Universidade Federal de Pelotas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Lorena Leonardo de Souza

Aflatoxicose aguda e crõnica em suínos; 1996; 0 f; Orientação de outra natureza - Universidade Federal de Pelotas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Márcia de Oliveira Nobre;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Nathalia Bock

Clínica Médica de Pequenos Animais; 2017; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Nathalia Bock;

Laerte Ferreiro

Avaliação da virulência de isolados de Sporothrix schenckii; 2004; 64 f; Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação Em Ciências Veterinárias) - Faculdade de Veterinária de Porto Alegre, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Laerte Ferreiro;

MARIO CARLOS ARAUJO MEIRELES

Malssezia pachydermatis e Outros Agentes Infecciosos Em Otites Externas e Dermatites Em cães; ; 1998; 86 f; Dissertação (Mestrado em Veterinária) - Universidade Federal de Pelotas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Mario Carlos Araujo Meireles;

MARIO CARLOS ARAUJO MEIRELES

Avaliação de virulência de isolados de Sporothrix schenckii; 2004; Tese (Doutorado em Ciências Veterinárias) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Coorientador: Mario Carlos Araujo Meireles;

MARIO CARLOS ARAUJO MEIRELES

2005; Universidade Federal de Pelotas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Mario Carlos Araujo Meireles;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • LIMA, C. M. ; PINEIRO, M. B. C. ; KRUG, F. D. M. ; BRITO, R. S. A. ; FERRAZ, A. ; Nobre, M.O. . EXTENSÃO E PESQUISA UNIÃO ESSENCIAL NA PROMOÇÃO DA QUALIDADE DE VIDA DE PEQUENOS ANIMAIS. Expressa Extensão (UFPel) , v. 1, p. 92-97, 2020.

  • Capella, SO ; KRUG, F. D. M. ; Vianna, R. ; ARANHA, B. C. ; Chaves, F.C. ; FREITAG, R. A. ; BRUHN, F. R. P. ; FERNANDES, C. G. ; Nobre, M.O. . Potencial terapêutico de Fármacos com ativos de Bixa orellana L. e Triticum aestivum no tratamento de lesões térmicas. Research, Society and Development , v. 9, p. 1-20, 2020.

  • BARWALDT, E.T. ; PINEIRO, M. B. C. ; CRUZ, D. B. ; SILVA, A. B. ; Nobre, Márcia O. . Reflexos da sociedade e a síndrome de Burnout na medicina veterinária: revisão de literatura. Brazilian Journal of Health Review , v. 3, p. 2-14, 2020.

  • Capella, SO ; PINEIRO, M. B. C. ; BRUHN, F. R. P. ; Nobre, M.O. . Percepção de tutores de cães com halitose com o uso do lenço bucal. NOSSO CLÍNICO , v. 23, p. 44-48, 2020.

  • FONTOURA, E. ; BIERHALS, E. S. ; FELIX, S. R. ; FREITAG, R. A. ; FISCHER, Geferson ; Nobre, M.O. . ESTUDO CITOTÓXICO E ANTI-EDEMATOGÊNICO. ARS VETERINÁRIA Jaboticabal , v. 36, p. 25-31, 2020.

  • Capella, SO ; Andrade Junior, A.G. ; KRUG, F. D. M. ; Silva, E.C. ; PINEIRO, M. B. C. ; Nobre, M.O. . Lesões cutâneas traumática em pequenos animais:características e tratamentos. Brazilian Applied Science Review , v. 4, p. 459-467, 2020.

  • Padilha, V.M. ; PINEIRO, M. B. C. ; CHAGAS, B. C. ; LIGNON, J. S. ; Nobre, M.O. . Erliquiose Monocítica Canina Recidivante: Relato de Caso em um Canino no Rio Grande do Sul. PUBVET (LONDRINA) , v. 14, p. 1-7, 2020.

  • FERRAZ, ALEXSANDER ; DALLMANN, PAOLA RENATA JOANOL ; CASTRO, TANIZE ANGONESI DE ; PIRES, BRUNA DOS SANTOS ; SANTOS, EDUARDA MACHADO DOS ; NIZOLI, LEANDRO QUINTANA ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; BARWALDT, EUGÊNIA TAVARES . PresenÃa de sarcocystis cruzi em amostra fecal de cÃo, relato de caso. SCIRE SALUTIS , v. 10, p. 14-17, 2020.

  • FERRAZ, ALEXSANDER ; DOS SANTOS PIRES, BRUNA ; TAVARES BARWALDT, EUGÊNIA ; MACHADO DOS SANTOS, EDUARDA ; JOANOL DALLMANN, PAOLA RENATA ; ANGONESI DE CASTRO, TANIZE ; De Oliveira Nobre, Márcia ; QUINTANA NIZOLI, LEANDRO . Ovos de Trichuris vulpis em amostras fecais de cães analisadas na região de Pelotas, RS, entre 2015 e 2018. Revista Acadêmica Ciência Animal , v. 18, p. 1-4, 2020.

  • NIZOLI, LEANDRO QUINTANA ; DALLMANN, PAOLA RENATA JOANOL ; PIRES, BRUNA DOS SANTOS ; FERRAZ, ALEXSANDER ; CASTRO, TANIZE ANGONESI DE ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; BARWALDT, EUGÊNIA TAVARES ; SANTOS, EDUARDA MACHADO DOS . Spirometra Mansonoides em fezes de felino doméstico no município de Pelotas, RS, Brasil, relato de caso. SCIRE SALUTIS , v. 10, p. 10-13, 2020.

  • FERRAZ, ALEXSANDER ; DOS SANTOS PIRES, BRUNA ; MACHADO DOS SANTOS, EDUARDA ; TAVARES BARWALDT, EUGÊNIA ; JOANOL DALLMANN, PAOLA RENATA ; DA FONSECA SAPIN, CAROLINA ; MOURA DE LIMA, CAMILA ; MOSCARELLI PINTO, DIEGO ; De Oliveira Nobre, Márcia ; QUINTANA NIZOLI, LEANDRO . Presença de Aelurostrongylus abstrusus em amostras fecais de gatos no município de Pelotas, RS, Brasil. Revista Acadêmica Ciência Animal , v. 18, p. 1-5, 2020.

  • FERRAZ, A. ; BARWALDT, E.T. ; DALLMANN, P. R. J. ; CASTRO, T. A. ; Nobre, M.O. ; NIZOLI, LEANDRO QUINTANA . Multiparisitismo em felino doméstico, relato de caso. RESEARCH, SOCIETY AND DEVELOPMENT , v. 9, p. 1-9, 2020.

  • SOARES, G. F. ; BRITO, R. S. A. ; SANTANA, G. M. ; Nobre, M.O. . Imunomoduladores na medicina felina- Ciência ou fé?Parte 1. Vet Pet Veterinary & Science , v. 50, p. 38-46, 2019.

  • LAGES, P. D. P. F. ; SOARES, G. F. ; KRUG, F. D. M. ; COSTA, G. ; Nobre, M.O. . CONSIDERAÇÕES CLÍNICAS E DIAGNÓSTICAS DA OBESIDADE FELINA E RELATO DE TRÊS CASOS. MEDVEP. REVISTA CIENTÍFICA DE MEDICINA VETERINÁRIA. PEQUENOS ANIMAIS E ANIMAIS DE ESTIMAÇÃO , v. 49, p. 75-82, 2019.

  • Sapim, C.F. ; FERNANDES, Cristina Gevehr ; Nobre, M.O. ; GRECCO, F. B. . Neoplasmas encefálicos em cães idosos. ACTA SCIENTIAE VETERINARIAE (ONLINE) , v. 47, p. 1-4, 2019.

  • KRUG, F. D. M. ; TILLMANN, M. T. ; PINEIRO, M. B. C. ; CAPELLA, S. O. ; COSTA, A. L. ; BRUHN, F. R. P. ; Nobre, M.O. . Evaluation of cognitive dysfunction syndrome in dogs through the use of an observational questionnaire. Semina-Ciencias Agrarias , v. 5, p. 2223-2234, 2019.

  • SOARES, G. F. ; BRITO, R. S. A. ; SANTANA, G. M. ; Nobre, M.O. . Imunomoduladores na medicina felina. Ciência ou fé? Parte 2. Veterinary & Science , v. 51, p. 42-48, 2019.

  • FORLANI, G. S. ; FELIX, S. R. ; FELIX, A. O. C. ; LAGES, P. D. P. F. ; Nobre, M.O. . ATIVIDADE DA PARAOXANASE 1 EM PACIENTES ONCOLÓGICOS CANINOS SUBMETIDOS A TERAPIA COM FÁRMACOS ANTINEOPLÁSICOS. Veterinary & Science , v. 54, p. 22-24, 2019.

  • MICHELON, L. ; PINEIRO, M. B. C. ; SOARES, G. F. ; Osório, Luiza G. ; BRUHN, F. R. P. ; XAVIER, Melissa de O ; Madrid, Isabel Martins ; Nobre, M.O. . DADOS EPIDEMIOLÓGICOS DA ESPOROTRICOSE FELINA NA REGIÃO SUL DO RIO GRANDE DO SUL: UMA ABORDAGEM EM SAÚDE PÚBLICA. Brazilian Journal of Health Review , v. 2, p. 4874-4890, 2019.

  • KRUG, F. D. M. ; LIMA, C. M. ; CAPELLA, S. O. ; MECHEREFF, B. ; Rodrigues, M.R.M. ; Nobre, M.O. . Intervenções assistidas por animais em pacientes com transtornos mentais. Brazilian Journal of Health Review , v. 2, p. 4926-4936, 2019.

  • Andrade Junior, A.G. ; CAPELLA, S. O. ; PINEIRO, M. B. C. ; Nobre, M.O. . Obesidade: compreendendo este desequilíbrio orgânico em cães e gatos. SCIENCE AND ANIMAL HEALTH , v. 7, p. 105-125, 2019.

  • Ferraz, A ; Pires, B.S. ; SANTOS, E. M. ; EVARISTO, T. A. ; Nobre, M.O. ; Nizoli, L. . Presença de cyniclomyces guttulatus em amostra fecal de cão com diarreia crônica. Relato de caso. REVISTA BRASILEIRA DE HIGIENE E SANIDADE ANIMAL , v. 13, p. 246-251, 2019.

  • FERRAZ, ALEXSANDER ; DOS SANTOS PIRES, BRUNA ; MACHADO DOS SANTOS, EDUARDA ; ANÇA EVARISTO, TAINÁ ; ANGONESI DE CASTRO, TANIZE ; JOANOL DALLMANN, PAOLA RENATA ; De Oliveira Nobre, Márcia ; QUINTANA NIZOLI, LEANDRO . FREQUÊNCIA DE PARASITOS GASTRINTESTINAIS, PRESENTES EM FEZES DE CÃES E GATOS, ANALISADAS NO LABORATÓRIOS DE DOENÇAS PARASITÁRIAS DA UFPEL, DURANTE O ANO DE 2017. SCIENCE AND ANIMAL HEALTH , v. 7, p. 41-53, 2019.

  • FERRAZ, A. ; Pires, B.S. ; EVARISTO, T. A. ; RECUERO, A. L. C. ; Nobre, M.O. ; Nizoli, L. . Verminose pulmonar em felino por Aelustrongulus abstrusus: Relato de caso. ATAS DE SAÚDE AMBIENTAL , v. 7, p. 77-83, 2019.

  • BRITO, R. S. A. ; SANTANA, G. M. ; GALLEGO, T. M. ; Silva, E.C. ; SOARES, G. F. ; Nobre, M.O. . Atualidades diagnósticas e terapêuticas na Otite Externa Canina ? Revisão de literatura.. NOSSO CLÍNICO , v. 22, p. 42-48, 2019.

  • NOGUEIRA, M. T. D. ; Nobre, M.O. ; RODRIGUEZ, R. C. ; BILHALVA, C. . TERAPIA ASSISTIDA POR ANIMAIS COMO ESTRATÉGIA PEDAGÓGICA PARA CRIANÇAS QUE APRESENTAM O TRANSTORNO DO ESPECTRO AUTISTA. REVISTA GEPESVIDA , v. 5, p. 51, 2019.

  • SOARES, G. F. ; BASTOS, R. F. ; Souza, P.R. ; Nobre, M.O. . Cardiomiopatia hipertrófica em gato jovem: um desafio silencioso- relato de caso. CLÍNICA VETERINARIA , v. 23, p. 76-84, 2018.

  • TILLMANN, Mariana Teixeira ; MENDES, C. B. M. ; FISCHER, Geferson ; VARELA JUNIOR, A. S. ; FERNANDES, C. G. ; Nobre, Márcia O. . Triticum aestivum in open skin wounds: cytotoxicity and collagen histopathology. Semina-Ciencias Agrarias , v. 9, p. 1547-1554, 2018.

  • KRUG, F. D. M. ; TILLMANN, M. T. ; PINEIRO, M. B. C. ; MENDES, C. B. M. ; Capella, SO ; BRUHN, F. R. P. ; NOBRE, Márcia de Oliveira . Avaliação diagnóstica na síndrome disfunção cognitiva canina. ARQUIVO BRASILEIRO DE MEDICINA VETERINARIA E ZOOTECNIA , v. 70, p. 1723-1730, 2018.

  • SOARES, G. F. ; FELIX, SAMUEL RODRIGUES ; MICHELON, L. ; BASTOS, R. F. ; TEIXEIRA, L. V. ; FELIX, A. O. C. ; RIBEIRO, Carmem Lúcia Garcez ; Nobre, Márcia O. . Avaliação do extrato aquoso de trigo (Triticum aestivum) na prevenção da mielossupressão e estresse oxidativo induzidos pela carboplatina em ratos Wistar. CIENCIA RURAL , v. 48, p. 1-8, 2018.

  • BRITO, R. S. A. ; VERARDI, A. D. ; Nobre, Márcia O. . Nutrição como ferramente para o controle de obesidade em cães e gatos. NOSSO CLÍNICO , v. 125, p. 14-28, 2018.

  • BRITO, R. S. A. ; SANTIN, Rosema ; Nobre, Márcia O. ; MUELLER, E.N. . Malassezia e Malasseziose em cães e gatos. MEDVEP. REVISTA CIENTÍFICA DE MEDICINA VETERINÁRIA. PEQUENOS ANIMAIS E ANIMAIS DE ESTIMAÇÃO , v. 15, p. 67-72, 2018.

  • LIMA, C. M. ; KRUG, F. D. M. ; Bender, D. ; Rodrigues, M.R.M. ; MECHEREFFE, B. M. ; VIEIRA, A. C. G. ; Capella, SO ; Nobre, Márcia Oliveira . INTERVENÇÕES ASSISTIDAS POR ANIMAIS REALIZADAS EM AMBIENTE HOSPITALAR NA PROMOÇÃO DO CUIDADO COM A VIDA. Expressa Extensão (UFPel) , v. 23, p. 89-95, 2018.

  • Silva, E.C. ; Nobre, Márcia Oliveira ; SILVEIRA, A. K. ; GALLEGO, T. M. ; Krug, F. ; PINEIRO, M. B. C. ; Capella, SO ; LIMA, C. M. . Uma nova perspectiva na promoção da saúde animal e humana. REVISTA ELECTRÓNICA DE VETERINARIA , v. 19, p. 1-5, 2018.

  • FORLANI, G. S. ; BRITO, R. S. A. ; SALAME, J. P. ; Gomes, Angelita Reis ; Nobre, Márcia O. . Esporotricose em um felino soropositivo para FeLV. CLÍNICA VETERINÁRIA , v. 23, p. 58, 2018.

  • LIMA, CAMILA MOURA DE ; NUNES, DIONE MOREIRA ; KRUG, FERNANDA DAGMAR MARTINS ; NOBRE, Márcia de Oliveira . Educação Assistida por Animais: Estratégia promissora no âmbito escolar. REVISTA BRASILEIRA DE EDUCAÇÃO E SAÚDE , v. 8, p. 54-57, 2018.

  • CAPELLA, Sabrina de Oliveira ; TILLMANN, Mariana Teixeira ; FERNANDES, CRISTINA GEVEHR ; BRITO, MÁRCIO FERNANDO WEBER ; SANTANA, GABRIELA MORAIS ; FÉLIX, ANELIZE DE OLIVEIRA CAMPELO ; NOBRE, Márcia de Oliveira . Methodological parameters to induction of second-degree thermal injuries in experimental model. BRAZILIAN JOURNAL OF BIOLOGICAL SCIENCES , v. 5, p. 757-764, 2018.

  • KRUG, F. D. M. ; LIMA, C. S. ; TILLMANN, M. T. ; NOBRE, M . SÍNDROME DA DISFUNÇÃO COGNITIVA CANINA. MEDVEP. REVISTA CIENTÍFICA DE MEDICINA VETERINÁRIA. PEQUENOS ANIMAIS E ANIMAIS DE ESTIMAÇÃO , v. 15, p. 106-110, 2017.

  • Pereira, V. P. ; Nobre, Márcia O. ; CAPELLA, S.O. ; VIEIRA, A. C. G. . .Interação Lúdica na atividade assistida por cães em pediatria. Enfermagem em Foco , v. 8, p. 8-11, 2017.

  • Nobre, M.O. ; Krug, F. ; CAPELLA, SABRINA DE OLIVEIRA ; CANIELLES, C. S. ; CARVALHAL, S. P. . INTERVENÇÕES ASSISTIDAS POR ANIMAIS: UMA NOVA PERSPECTIVA NA EDUCAÇÃO (ANIMAL ASSITED EDUCATION: A NEW PERSPECTIVE IN EDUCATION). REVISTA CIENTÍFICA ELETRÔNICA DE MEDICINA VETERINÁRIA , v. 18, p. 1-8, 2017.

  • NOBRE, Márcia de Oliveira ; KRUG, F. D. M. ; CAPELLA, Sabrina de Oliveira ; Pereira, V. P. ; CANIELLES, C. S. ; NOGUEIRA, M. T. D. ; TILLMANN, Mariana Teixeira . PROJETO PET TERAPIA: INTERVENÇÕES ASSISTIDAS POR ANIMAIS: UMA PRÁTICA PARA O BENEFÍCIO DA SAÚDE E EDUCAÇÃO HUMANA. EXPRESSA EXTENSÃO (UFPEL) , v. 22, p. 11-23, 2017.

  • TILLMANN, Mariana Teixeira ; FELIX, A. O. C. ; FERNANDES, C. G. ; CAPELLA, SABRINA DE OLIVEIRA ; MUELLER, E. N. ; Nobre, M.O. . Pacientes com carcinoma de células escamosas - relação do tratamento com o prognóstico. ACTA SCIENTIAE VETERINARIAE (ONLINE) , v. 45, p. 1-5, 2017.

  • FERNANDES, Ciciane P. M. ; Hijano, Alana ; LIMA, CHARLES S. ; FONTOURA, Eduardo ; SCHRAMM, Renata C. ; FÉLIX, SAMUEL RODRIGUES ; NOBRE, Márcia de Oliveira . A randomized, double-blind, placebo-controlled study to assess the effect of an aqueous extract of Triticum aestivum on canine outer ear inflammation. PESQUISA VETERINÁRIA BRASILEIRA (ONLINE) , v. 11, p. 1270-1274, 2017.

  • FERNANDES, C. P. M. ; FELIX, S. R. ; NOBRE, M . Toxicidade dos fitoterápicos de interesse do SUS: uma revisão.. Semina. Ciências Agrárias (Impresso) , v. 37, p. 91-104, 2016.

  • FERNANDES, C. P. M. ; MACHADO, C. ; LOPES, T. V. ; FILHO, C.N. ; RIBEIRO, P. B. ; FÉLIX, SAMUEL RODRIGUES ; NOBRE, M . Repellent Action of Carapa guianensis and Caesalpinia ferrea Mart. for species of flies in the Calliphoridae family. Ciência Rural (UFSM. Impresso) , v. 46, p. 867-870, 2016.

  • CAPELLA, S.O. ; TILLMANN, M.T. ; FÉLIX, A.O.C. ; FONTOURA, E.G. ; FERNANDES, C.G. ; FREITAG, R.A. ; SANTOS, M.A.Z. ; FÉLIX, S.R. ; Nobre, M.O. . Potencial cicatricial da Bixa orellana L. em feridas cutâneas: estudo em modelo experimental. Arquivo Brasileiro de Medicina Veterinária e Zootecnia (Online) , v. 68, p. 104-112, 2016.

  • DA CUNHA, C. E. P. ; FELIX, S. R. ; NETO, A. C. P. S. ; CAMPELLO-FELIX, A. ; KREMER, F. S. ; MONTE, L. G. ; AMARAL, M. G. ; DE OLIVEIRA NOBRE, M. ; DA SILVA, E. F. ; HARTLEBEN, C. P. ; MCBRIDE, A. J. A. ; DELLAGOSTIN, O. A. . Infection with Leptospira kirschneri Serovar Mozdok: First Report from the Southern Hemisphere. The American Journal of Tropical Medicine and Hygiene , v. 1, p. 1-4, 2016.

  • TILLMANN, M. T. ; FELIX, A. O. C. ; RAMOS, S. ; BACELO, K. L. ; PERES, WILLIAM ; NOBRE, M . Qualidade do processo cicatricial de feridas cirúrgicas tratadas com antissépticos em cães. Nosso Clínico , v. 111, p. 46-48, 2016.

  • PEREIRA, S. B. ; LIMA, C. M. ; FONTOURA, E. ; SOARES, G. F. ; Seixas Neto, A.C.P. ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; SILVA, E. F. ; FELIX, A. O. C. ; FELIX, SAMUEL RODRIGUES . Influência Da Inclusão De Isolado Local Na Sensibilidade Do Ensaio De Soro Aglutinação Microscópica Para Leptospirose: Um Estudo Em Cães. Revista Interdisciplinar de Ensino, Pesquisa e Extensão , v. 3, p. 208-2015, 2016.

  • Wilhelm, G. ; Pereira, I. C ; VALLE, B. ; FONTOURA, E. G. ; MUELLER, E. N. ; TILLMANN, Mariana Teixeira ; FERNANDES, C. G. ; NOBRE, Márcia de Oliveira . UTILIZAÇÃO DE ADESIVOS NA SÍNTESE DA RESSECÇÃO LATERAL DO CONDUTO AUDITIVO EXTERNO EM MODELO EXPERIMENTAL. MEDVEP. Revista Científica de Medicina Veterinária. Pequenos Animais e Animais de Estimação , v. 45, p. 1-5, 2016.

  • Pereira, V. P. ; COIMBRA, V. C. C. ; CARDOSO, C. S. ; OLIVEIRA, N. A. ; VIEIRA, A. C. G. ; Nobre, M.O. ; NINO, M. E. L. . Metodologias participativas em pesquisa com crianças: abordagens criativas e inovadoras. REVISTA GAÚCHA DE ENFERMAGEM , v. 37, p. 1-5, 2016.

  • FERNANDES, Ciciane P. M. ; MACHADO, Camila ; LOPES, T. V. ; Filho, N. C. ; RIBEIRO, Paulo B. ; Schons, Sandro ; FÉLIX, SAMUEL RODRIGUES ; NOBRE, Márcia de Oliveira . Repellent Action of Carapa guianensis and Caesalpinia ferrea for flies species of Calliphoridae family. Ciência Rural , v. 46, p. 867-870, 2016.

  • TILLMANN, M. T. ; FÉLIX, SAMUEL RODRIGUES ; MUNDSTOCK, C. P. ; MUCCILLO, G. B. ; Gevehr Fernandes, Cristina ; Oliveira Nobre, Márcia . Tratamento e manejo de feridas cutâneas em cães e gatos (revisão de literatura). Nosso Clínico , v. 1, p. 12-19, 2015.

  • WILHELM, G. ; PEREIRA, I. C. ; Cima, I ; FONTOURA, E. ; MUELLER, E.N. ; RAPPETTI, J.C.S. ; De Oliveira Nobre, Márcia . Acompanhamento clínico de cães com otite externa crônica estenosante após terapia cirúrgica de ressecção lateral do conduto auditivo. Nosso Clínico , v. 3, p. 44-46, 2015.

  • FERNANDES, C. P. M. ; LOPES, T. V. ; Capella, SO ; FONTOURA, E. ; TILLMANN, M. T. ; FÉLIX, SAMUEL RODRIGUES ; NOBRE, Márcia de Oliveira . Comparing open wound measuring methods popularly used in experimental studies /Estudo comparativo de métodos de avaliação de contração de feridas cutâneas abertas. Brazilian Journal of Veterinary Research and Animal Science (Impresso) , v. 52, p. 106-111, 2015.

  • NOGUEIRA, M. T. D. ; NOBRE, M . Terapia assistida por animais e seus benefícios. Pubvet (Londrina) , v. 9, p. 414-417, 2015.

  • NASCENTE, Patricia da Silva ; Ana Meinerz ; OSÓRIO, Renata de Faria ; NOBRE, MÃRCIA DE OLIVEIRA ; Escareno, J. J. H ; MENDES, J. F. ; Meireles, Mario Carlos ; MELLO, João R B . Malassezia pachydermatis presence in canine external otitis and dermatopathies. Journal of Yeast and Fungal Research , v. 6, p. 25, 2015.

  • FONTOURA, E. ; VALLE, B. ; COSTA, A. L. ; Capella, SO ; FÉLIX, SAMUEL RODRIGUES ; MUELLER, E.N. ; Nobre, M.O. . Otite Externa em Pequenos Animais: Artigo de Revisão. MEDVEP. Revista Científica de Medicina Veterinária. Pequenos Animais e Animais de Estimação , v. 12, p. 398-404, 2015.

  • SOARES, G. F. ; De Oliveira Nobre, Márcia ; Cavalcanti, G ; LIMA, C. S. ; FELIX, S. R. ; ZAMBARDA, T. T. . Insuficiência cardíaca congestiva secundária a displasia de tricúspide em cão relato de caso. Clínica Veterinária (São Paulo) , v. 6, p. 74-80, 2015.

  • FERREIRA, PATRICIA ALMEIDA ; CAPELLA, SABRINA DE OLIVEIRA ; THEODORO, STEPHANIE DE SOUZA ; FELIX, SAMUEL RODRIGUES ; PERES, WILLIAM ; NOBRE, Márcia de Oliveira . SERUM LIPID PROFILE OF SPAYED AND NON-SPAYED FEMALE DOGS ASSOCIATED WITH THE BODY CONDITION SCORE. Ciência Animal Brasileira (Online) , v. 16, p. 262-267, 2015.

  • FERREIRA, P. A. ; SALAME, J. P. ; BASTOS, R. F. ; FRANSCICO, L. S. ; FELIX, A. O. C. ; FELIX, S. R. ; NOBRE, M . Considerações sobre a dieta AIN-93M elaborada para modelos biológicos. Revista da Sociedade Brasileira de Ciência em Animais de Laboratório , v. 3, p. 103-106, 2015.

  • FONTOURA, E. G. ; VALLE, B. D. S. ; COSTA, A. L. ; CAPELLA, S. O. ; FELIX, S. R. ; MUELLER, E. N. ; NOBRE, Márcia de Oliveira . Otite Externa em Pequenos Animais: Artigo de Revisão. MEDVEP. Revista Científica de Medicina Veterinária. Pequenos Animais e Animais de Estimação , v. 12, p. 398-404, 2015.

  • FERNANDES, Ciciane P. M. ; LOPES, T. V. ; FONTOURA, Eduardo ; CAPELLA, Sabrina de Oliveira ; TILLMANN, Mariana Teixeira ; FÉLIX, SAMUEL RODRIGUES ; NOBRE, Márcia de Oliveira . Comparing open wound measuring methods popularly used in experimental studies. Brazilian Journal of Veterinary Research and Animal Science (Impresso) , v. 52, p. 106-111, 2015.

  • TILLMANN, M. T. ; MENDES, C. B. M. ; FELIX, A. O. C. ; MUELLER, E.N. ; Nobre, M.O. . Fibrose auricular secundária a otohematoma em felino: terapêutica com glicocorticóide - relato de caso. Science and Animal Health , v. 2, p. 42-49, 2014.

  • TILLMANN, M. T. ; FELIX, A. O. C. ; MUELLER, E.N. ; FELIX, S.R. ; ALVES, G. H. ; RAMOS, T. ; FREITAG, R. A. ; Fernandes, Cristina G. ; Nobre, Márcia O. . Use of Triticum aestivum in open wound healing: a clinical, pathological, and tensiometric assessment in the rabbit model. Arquivo Brasileiro de Medicina Veterinária e Zootecnia , v. 66, p. 1757-1761, 2014.

  • LOPEZ, T. V. ; FERNANDES, C. P. M. ; MICHELON, L. ; HIJANO, A. ; FELIX, S. R. ; SCHONS, S. V. ; Nobre, Márcia O. . Zoonotic parasites in dog faeces from public parks in cities of southern Rio Grande do Sul, Brasil. Revista Brasileira de Higiene e Sanidade Animal , v. 8, p. 242-250, 2014.

  • FERNANDES, C. P. M. ; LIMA, C. S. ; LOPES, T. V. ; FELIX, S. R. ; SCHONS, S. V. ; FERNANDES, C. G. ; Nobre, M.O. . The use of the andiroba oil ( Carapaguianensis ) on cutaneous wounds in Wistar rats. Revista Brasileira de Higiene e Sanidade Animal , v. 8, p. 147-159, 2014.

  • ATHAYDE, C. ; FERNANDES, C. P. M. ; LEMOS, C. D. ; CAVALCANTI, G. A. ; SILVA, C. ; Oliveira Nobre, Márcia . Níveis de creatinoquinase MB em cães com e sem sinais de cardiopatia. Nosso Clínico , v. 17, p. 30, 2014.

  • FONTOURA, E. ; FÉLIX, SAMUEL RODRIGUES ; FERNANDES, C. P. M. ; Grecco, Fabiane B. ; GONCALVES, V. M. ; FELIX, A.O.C. ; Oliveira Nobre, Márcia . Ensaio toxicológico do extrato aquoso de Waltheria douradinha (douradinha do campo) em modelo ex vivo. Revista da Sociedade Brasileira de Ciência em Animais de Laboratório , v. 2, p. 264, 2014.

  • RIZZOTO, G. ; Moreira, F. ; VARELA JUNIOR, A. S. ; Dode, M.E.B. ; Nobre, M.O. ; CORCINI, C. D. . EFEITOS DA ADIÇÃO DE GLICEROL E ETILENOGLICOL ASSOCIADOS SOBRE PARÂMETROS DE VIABILIDADE ESPERMÁTICA NA CRIOPRESERVAÇÃO DE SÊMEN CANINO. Pubvet (Londrina) , v. 8, p. 1808, 2014.

  • VALLE, B. ; FONTOURA, E. ; MUELLER, Eduardo Negri ; ALVES, G. H. ; Nobre, Márcia O. . Avaliação clínica da administração do rosmarinus officinalis no conduto auditivo externo. MEDVEP Dermato. Revista de Educação Continuada em Dermatologia e Alergologia Veterinária , v. 3, p. 39-40, 2014.

  • FERNANDES, C. P. M. ; LIMA, C. S. ; LOPES, T. V. ; FELIX, S. R. ; SCHONS, S. V. ; FERNANDES, Cristina Gevehr ; NOBRE, Márcia de Oliveira . Utilização do óleo de andiroba (Carapa guianensis) em feridas cutâneas de ratos Wistar.. Revista Brasileira de Higiene e Sanidade Animal , v. 8, p. 147-159, 2014.

  • FELIX, A.O.C. ; GUIOT, E.G. ; STEIN, M. ; FELIX, S.R. ; SILVA, E.F. ; Nobre, M.O. . Comparison of systemic interleukin 10 concentrations in healthy dogs and those suffering from recurring and first time Demodex canis infestations. Veterinary Parasitology (Print) , v. 193, p. 312-315, 2013.

  • FONTOURA, E. ; FERRO, A. G. ; FELIX, A. O. C. ; MUELLER, E.N. ; NOBRE, Márcia de Oliveira . Correlação entre a pressão arterial sistêmica aferida por método oscilométrico com a idade e o nível sérico de sódio em cães hígidos. Semina. Ciências Agrárias (Online) , v. 34, p. 1253-1258, 2013.

  • MUELLER, Eduardo Negri ; GUIOT, E. G. ; SANTIN, Rosema ; MEIRELES, Mário Carlos Araújo ; SCHUCH, L. F. D. ; NOBRE, Márcia de Oliveira . EFEITO AUXILIAR DO CERUMINOLÍTICO NA TERAPIA TÓPICA DE CÃES (Canis lupus familiaris) COM OTITE EXTERNA CERUMINOSA. Ciência Animal Brasileira (Online) , v. 14, p. 59, 2013.

  • FERREIRA, P. A. ; MUELLER, E.N. ; FISCHER, E. C. ; TILLMANN, M. T. ; PERES, W. ; NOBRE, Márcia de Oliveira . Glicemia do sangue capilar e venoso de cães saudáveis: mensuração por método eletroquímico versus enzimático laboratorial. Semina. Ciências Agrárias (Online) , v. 34, p. 1287-1292, 2013.

  • SANTIN, Rosema ; MATTEI, Antonella ; WALLER, S. B. ; MADRID, Isabel M ; CLEFF, Marlete Brum ; XAVIER, Melissa Orzechowski ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; NASCENTE, Patrícia da Silva ; MELLO, João Rooberto B ; MEIRELES, Mário Carlos Araújo . Clinical and mycological analysis of dog's oral cavity. Brazilian Journal of Microbiology (Impresso) , v. 44, p. 139-144, 2013.

  • FERNANDES, CICIANE P.M. ; Gaspar, Luiz Fernando J. ; Meinerz, Ana Raquel M. ; Grecco, Fabiane B. ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; CLEFF, Marlef Brum . Tumor venéreo transmissível canino com metástase encefálica. Semina. Ciências Agrárias (Online) , v. 34, p. 3929, 2013.

  • LOPES, THIAGO VAZ ; FÉLIX, SAMUEL RODRIGUES ; SCHONS, SANDRO DE VARGAS ; NOBRE, Márcia de Oliveira . Dragon's blood ( Croton lechleri Mull., Arg.): an update on the chemical composition and medical applications of this natural plant extract. A review. Revista Brasileira de Higiene e Sanidade Animal , v. 7, p. 167-191, 2013.

  • Raquel Galli LUCENA ; FERREIRA, P. A. ; Theodoro, Stephanie de Souza ; NOBRE, Márcia de Oliveira . 34 Congresso Brasileiro da Associação Nacional de Clínicos Veterinários de Pequenos Animais - ANCLIVEPA. Acta Veterinaria Brasilica (UFERSA) , v. 7, p. 150-152, 2013.

  • FONTOURA, E. G. ; FERRO, A. G. ; FELIX, A. O. C. ; MUELLER, E. N. ; NOBRE, Márcia de Oliveira . UTILIZAÇÃO DO MÉTODO OSCILOMÉTRICO PARA AFERIÇÃO DA PRESSÃO ARTERIAL SISTÊMICA E SUA CORRELAÇÃO COM A IDADE DE CÃES HÍGIDOS. ACTA VETERINARIA BRASILICA (UFERSA) , v. 7, p. 98-100, 2013.

  • Madrid, Isabel Martins ; Mattei, Antonella Souza ; FERNANDES, Cristina Gevehr ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; MEIRELES, Mario Carlos Araújo . Epidemiological Findings and Laboratory Evaluation of Sporotrichosis: A Description of 103 Cases in Cats and Dogs in Southern Brazil. Mycopathologia (1975. Print) , v. 173, p. 265-273, 2012.

  • MUELLER, Eduardo Negri ; BERGMANN, L. K. ; ANCIUTI, A. N. ; TILLMANN, M. T. ; NOBRE, Márcia de Oliveira . Estudo da diferença das temperaturas retal e do canal auditivo de acordo com a conformação da concha acústica em cães. Semina. Ciências Agrárias (Online) , v. 33, p. 1907-1910, 2012.

  • FERNANDES, CICIANE P.M. ; Giordani, Cláudia ; Grecco, Fabiane B. ; V. SALLIS, ELISA SIMONE ; R. STAINKI, DANIEL ; Gaspar, Luiz Fernando J. ; Garcez Ribeiro, Carmem Lucia ; Nobre, Márcia O. . Gastric pythiosis in a dog. Revista Iberoamericana de Micología , v. 29, p. 235-237, 2012.

  • GOMES, A. R. ; MADRID, Isabel M ; MATOS, C. B. ; TELLES, A. J. ; WALLER, S. B. ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; MEIRELES, M . Dermatopatias fúngicas: aspectos clínicos, diagnósticos e terapêuticos. Acta Veterinaria Brasilica (UFERSA) , v. 6, p. 272, 2012.

  • MADRID, I. M. ; MATTEI, A. ; TELES, A. J. ; CLEFF, M. B. ; NOBRE, M ; Meireles, M.C.A. . Alterações hematológicas em felinos com esporotricose cutânea. Arquivos de Ciências Veterinárias e Zoologia da UNIPAR (Impresso) , v. 15, p. 33, 2012.

  • FERREIRA, P. A. ; Theodoro, Stephanie de Souza ; CAPELLA, Sabrina de Oliveira ; NOBRE, Márcia de Oliveira . CURVA GLICÊMICA EM CÃES SAUDÁVEIS. Archives of Veterinary Science , v. 17, p. 108-110, 2012.

  • MUELLER, E.N. ; GUIOT, E. G. ; WILHELM, G. ; FERNANDES, C. P. M. ; SCHUCH, L. F. D. ; NOBRE, Márcia de Oliveira . Otite externa ceruminosa e purulenta em cães. A Hora Veterinária , v. 179, p. 38-40, 2011.

  • MATTEI, Antonella ; SANTIN, R. ; MADRID, I. M. ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; COIMBRA, H. ; MEIRELES, M. C. A. . Isolamento de fungos filamentosos e gênero Staphylococcus em locais de atendimento veterinário. A Hora Veterinária , v. 30, p. 19-22, 2011.

  • MUELLER, Eduardo Negri ; GUIOT, E. G. ; TILLMANN, M. T. ; FELIX, A. O. C. ; PEREIRA, I.C. ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; SCHRAMM, R. C. . Avaliação do efeito da lavagem do canal auditivo externo em orelhas com otite externa purulenta bilateral. MEDVEP. Revista Científica de Medicina Veterinária. Pequenos Animais e Animais de Estimação , v. 9, p. 147-150, 2011.

  • NOBRE, Márcia de Oliveira ; Madrid, Isabel Martins ; MATTEI, Antonella ; SOARES, M. P. ; MEIRELES, M. C. A. . Ultrastructural study of the mycelial phase of clinical isolates of Sporothrix schenckii obtained from feline, canine and human cases of sporotrichosis. Brazilian Journal of Microbiology (Impresso) , v. 42, p. 1147-1150, 2011.

  • MUELLER, E.N. ; BERGMANN, Lucimara Konflanz ; ANCIUTI, A. N. ; SCHUCH, L. F. D. ; Nobre, M.O. . Estudo de casos de otite externa em cães. A Hora Veterinária , v. 31, p. 46-48, 2011.

  • MADRID, I. M. ; SANTIN, R. ; SCHUCH, F. ; Gomes, Angelita Reis ; NOBRE, M ; MEIRELES, M. C. A. . Análise morfológica e termotolerância de isolados clínicos e do ambiente de Sporothrix schenckii do sul do Brasil. Revista Brasileira de Ciência Veterinária (Impresso) , v. 18, p. 57-61, 2011.

  • MADRID, I. M. ; MATTEI, A. ; Martins, A. ; Nobre, M. ; Meireles, M. . Feline Sporotrichosis in the Southern Region of Rio Grande Do Sul, Brazil: Clinical, Zoonotic and Therapeutic Aspects. Zoonoses and Public Health , v. 57, p. 151-154, 2010.

  • MADRID, Isabel Martins ; Xavier, Melissa O. ; Mattei, Antonella S. ; Fernandes, Cristina G. ; Guim, Thomaz N. ; SANTIN, Rosema ; Schuch, Luiz Filipe D. ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; Araújo Meireles, Mário Carlos . Role of melanin in the pathogenesis of cutaneous sporotrichosis. Microbes and Infection , v. 12, p. 162-165, 2010.

  • De Oliveira Nobre, Márcia ; Negri Mueller, Eduardo ; Teixeira Tillmann, Mariana ; Da Silva Rosa, Cristiano ; Normanton Guim, Thomas ; VIVES, Patrícia ; Fernandes, Matheus ; Martins Madrid, Isabel ; Gevehr Fernandes, Cristina ; Araújo Meireles, Mario Carlos . Disease progression of dermatophytic pseudomycetoma in a Persian cat. Revista Iberoamericana de Micología , v. 27, p. 98-100, 2010.

  • FARIA, Renata Osório de ; NASCENTE, Patrícia da Silva ; MEINERZ, Ana Raquel Mano ; CLEFF, Marlete Brum ; ANTUNES, Tatiana de Ávila ; SILVEIRA, Érica Silva da ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; MEIRELES, Mário Carlos de Araújo ; MELLO, João Roberto de Braga . Ocorrência de Cryptococcus neoformans em excretas de pombos na cidade de Pelotas - Rio Grande do Sul.. Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical (Impresso) , v. 43, p. 198-200, 2010.

  • MEINERZ, Ana Raquel Mano ; ANTUNES, Tatiana de Ávila ; De Souza, Lorena Leonardo ; NASCENTE, Patrícia da Silva ; De Faria, Renata Osório ; CLEFF, Marlete Brum ; GOMES, Fabiane Resende ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; REISCHAK, Dilmara ; Schuch, Luis Filipe Damé ; MEIRELES, Mário Carlos Araújo . FREQUÊNCIA DO Vírus da Leucemia Felina (VLFe) em FELINOS DOMÉSTICOS (Felis catus) SEMIDOMICILIADOS NOS MUNICÍPIOS DE PELOTAS E RIO GRANDE. Ciência Animal Brasileira (Online) , v. 11, p. 90-93, 2010.

  • Amaral, Hugo Leonardo da Cunha ; Rassier, Gabriela Lopes ; Pepe, Michele Soares ; Gallina, Tiago ; Villela, Marcos Marreiro ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; Scaini, Carlos James ; Berne, Maria Elisabeth Aires . Presence of Toxocara canis eggs on the hair of dogs: a risk factor for Visceral Larva Migrans.. Veterinary Parasitology (Print) , v. 174, p. 115-118, 2010.

  • FERREIRA, P. A. ; CAPELLA, S. ; AS CURTINAZ ; SCBS LEAL ; AO CAMPELLO FELIX ; FAB DEL PINO ; NOBRE, Márcia de Oliveira . Relação entre condição corporal e índices colesterolêmicos. MEDVEP. Revista Científica de Medicina Veterinária. Pequenos Animais e Animais de Estimação , v. 8, p. 550, 2010.

  • NASCENTE, Patrícia da Silva ; CLEFF, Marlete Brum ; FARIA, R. O. ; BAIALARDI, C. ; NOBRE, M. ; MEIRELES, M. C. A. . Granuloma eosinofílico em Labrador Retriever: relato de caso. MEDVEP. Revista Científica de Medicina Veterinária. Pequenos Animais e Animais de Estimação , v. 7, p. 223-227, 2009.

  • ANTUNES, T. A. ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; MEINERZ, A. R. M. ; MARTINS, A.A. ; CLEFF, M. B. ; FERNANDES, C. G. ; MEIRELES, M. C. A. ; MEIRELES, M. C. A. . Esporotricose cutânea experimental: avaliação in vivo do itraconazol e terbinafina. Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical (Impresso) , v. 42, p. 706-710, 2009.

  • GUIM, T. N. ; MUELLER, Eduardo Negri ; RAPOSO, Joseane ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; FERNANDES, Cristina Gevehr . Histiocitoma fibroso maligno tipo célula gigante em felino. Clínica Veterinária (São Paulo) , v. XIII, p. 80-82, 2008.

  • NOBRE, M ; MADRID, I ; ANTUNES, T ; MARTINS, A ; FERNANDES, C ; MATTEI, A ; SPANAMBERG, A ; MEIRELES, M ; FERREIRO, L . Virulence differences between albino and pigmented Sporothrix schenckii isolates. Journal de Mycologie Médicale , v. 18, p. 191-197, 2008.

  • NOBRE, Márcia de Oliveira ; Xavier, M.O. ; Meinerz, A.R.M. ; Cleff, M.B. ; Osório, L.G. ; Schuch, L.F.D. ; Silva Filho, R.P. ; Meireles, M.C.A. . Eficácia da clorexidina-cetrimida na desinfecção ambiental contra Aspergillus spp.. Arquivo Brasileiro de Medicina Veterinária e Zootecnia , v. 60, p. 873, 2008.

  • MARTINS, A.A. ; XAVIER, M. O. ; ANTUNES, Tatiana ; MADRID, I. M. ; CLEFF, M. B. ; SILVA, F. V. ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; MEIRELES, M. C. A. . Eficácia do uso de imunoestimulante associado a antifúngico no tratamento da esporotricose cutânea experimental. Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical , v. 41, p. 25-27, 2008.

  • MEINERZ, Ana ; XAVIER, Melissa O ; CLEFF, Marlete Brum ; MADRID, Isabel Martins ; NOBRE, M. O. ; MEIRELES, Mário Carlos Araújo ; MELLO, João Rooberto B . Efficacy of terbinafine and itraconazole on a experimental model of systemic sporotrichosis. Brazilian Journal of Microbiology (Impresso) , v. 39, p. 734, 2008.

  • MEINERZ, Ana Raquel Mano ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; SCHUCH, Luiz F Damé ; SANTIN, Rosema ; BRUM, C. ; MEIRELES, M. C. A. ; MELLO, João Rooberto B . Suscetibilidade in vitro de isolados de Sporothrix schenchii frente a terbinafina e itraconazol. Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical , v. 40, p. 1-3, 2007.

  • NOBRE, Márcia de Oliveira ; MADRID, Isabel M ; SANTOS JR, Ronaldo ; SAMPAIO JR, Daiser Paulo ; MUELLER, Eduardo Negri ; DUTRA, D. ; MEIRELES, Mario Carlos Araújo . Esporotricose canina: relato de três casos. Acta Scientiae Veterinariae (UFRGS. Impresso) , v. 35, p. 105-108, 2007.

  • NOBRE, Márcia de Oliveira ; MEINERZ, Ana Raquel Mano ; NASCENTE, Patricia da Silva ; SCHUCH, Luiz F Damé ; FARIA, Renata Osório ; SANTIN, Rosema ; CLEFF, M. B. ; MADRID, Isabel Martins ; MARTINS, Anelise Afonso ; MEIRELES, Mario Carlos Araújo ; MELLO, João Roberto de Braga . Esporotricose felina - relato de casos. Ciência Animal Brasileira (UFG) , v. 8, p. 575-577, 2007.

  • NASCENTE, Patricia da Silva ; MEINERZ, Ana Raquel Mano ; ANTUNES, Tatiana de Avila ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; MEIRELES, Mario Carlos Araújo ; MELLO, João Roberto de Braga . Tiabendazol em Veterinária: anti-helmíntico e antifúngico. Revista Brasileira de Medicina Veterinária , v. 29, p. 14-19, 2007.

  • MEINERZ, Ana Raquel Mano ; CLEFF, Marlete Brum ; NASCENTE, Patrícia da Silva ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; SCHUCH, Luiz Filipe Damé ; ANTUNES, Tatiana de Ávila ; Xavier, Melissa O. ; MEIRELES, Mário Carlos Araújo ; MELLO, João Roberto de Braga . Efeitos de doses elevadas da terbinafina e itraconazol em ratos Wistar. RBCF. Revista Brasileira de Ciências Farmacêuticas , v. 43, p. 105-109, 2007.

  • XAVIER, Melissa Orvechowski ; MADRID, Isabel Martins ; MEINERZ, Ana Raquel Mano ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; SCHUCH, Luiz Filipe Damé ; MEIRELES, Mario Carlos Araújo . Atividade in vitro de três agentes químicos frente a diferentes espécies de Aspergillus. Arquivos do Instituto Biológico , v. 74, p. 49-53, 2007.

  • MADRID, I. M. ; XAVIER, Melissa Orzechowski ; MATTEI, Antonella ; CARAPETO, L. P. ; ANTUNES, Tatiana ; SANTOS JR, Ronaldo ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; MEIRELES, Mário Carlos Araújo . Esporotricose óssea e cutânea em canino. Brazilian Journal of Veterinary Research and Animal Science , v. 44, p. -, 2007.

  • Xavier, Melissa O. ; Soares, Mauro P. ; Meinerz, Ana Raquel M. ; Osório, Luiza G. ; Nobre, Márcia O. ; Silva Filho, Rodolfo P. da ; Meireles, Mário Carlos A. . Aspergillosis: a limiting factor during recovery of captive magellanic penguins. Brazilian Journal of Microbiology , v. 38, p. 480-484, 2007.

  • XAVIER, Melissa Orzechowski ; Alice Teixeira Meirelles Leite ; SOARES, Mauro Pereira ; OSÓRIO, Luisa da Gama ; MARTINS, Anelise ; Ana Paula Albano ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; SILVA FILHO, R ; MEIRELES, Mario Carlos Araújo . Aspergilose em pingüim-de -magalhães (Spheniscus magellanicus) Relato de caso. Veterinária e Zootecnia , v. 13, p. 28-32, 2006.

  • ROSA, Cristiano Silva da ; MARTINS, Anaelise Afonso ; SANTIN, Rosema ; FARIA, Renata Osório ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; MEIRELES, M. C. A. ; MADRID, Isabel M ; NASCENTE, Patricia da Silva . Malassezia pachydermatis no tegumento cutâneo e meato acústico externo de felinos hígidos, otopatas e dermatopatas, no município de Pelotas, RS. Acta Scientiae Veterinariae (UFRGS. Impresso) , v. 34, p. 143-147, 2006.

  • SOUZA, Lorena Leonardo de ; NASCENTE, Patrícia da Silva ; Nobre, Márcia Oliveira ; MEINERZ, Ana Raquel Mano ; MEIRELES, Mário Carlos Araújo . Isolation of Sporothrix schenkii from the nails of healthy cats. Brazilian Journal of Microbiology , v. 37, p. 372-374, 2006.

  • NOBRE, Márcia de Oliveira ; ANTUNES, Tatiana de Ávila ; FARIA, Renata Osório de ; CLEFF, Marlete Brum ; FERNANDES, Cristina Gevehr ; MUSCHNER, Adriana Cunha ; MEIRELES, Mário Carlos Araújo ; FERREIRO, Laerte . Differences in pathogenicity between isolates of feline sporothrichosis. Mycopathologia , Holanda, v. 160, n.1, p. 43-49, 2005.

  • NASCENTE, Patrícia da Silva ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; FARIA, Renata Osório de ; SCHUCH, Luis Filipe ; MEIRELES, Mário Carlos Araújo ; GASPAR, Luiz Fernando . Botulismo em cão - relato de caso. Clínica Veterinária (São Paulo) , São Paulo, v. 55, p. 48-52, 2005.

  • NASCENTE, Patrícia da Silva ; CLEFF, Marlete Brum ; FARIA, Renata Osório de ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; XAVIER, Melissa O ; MEIRELES, Mário Carlos Araújo ; MELLO, João R B . Malasseziose ótica canina: inoculação experimental e tratamento. Clínica Veterinária (São Paulo) , São Paulo, v. 55, p. 54-60, 2005.

  • SOUZA, Lorena Leonardo de ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; SILVEIRA, Érica Silva da ; REISCHAK, Dilmara ; NASCENTE, Patrícia da Silva ; MEIRELES, Mário Carlos Araújo . Esporotricose em gatos portadores do vírus da leucemia felina. Revista Brasileira de Ciência Veterinária , v. 12, n.1/2, 2005.

  • CLEFF, Marlete Brum ; LIMA, Alzira Pacheco de ; FARIA, Renata Osório de ; MEINERZ, Ana Raquel Mano ; ANTUNES, Tatiana de Ávila ; Araújo, Flávia Biasoli de ; NASCENTE, Patrícia da Silva ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; MEIRELES, Mário Carlos Araújo . Isolation of Candida spp from vaginal microbiota of healthy canine females during estrous cycle. Brazilian Journal of Microbiology , v. 36, p. 200-203, 2005.

  • OLIVEIRA, I A ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; FERREIRO, L. . Pesquisa de criptococose em cães atendidos no Hospital de Clínicas Veterinárias da UFRGS, Porto Alegre, Brasil. Acta Scientiae Veterinariae (Online) , Porto Alegre, v. 33, n.3, p. 253-258, 2005.

  • NOBRE, Márcia de Oliveira ; ANTUNES, Tatiana de Ávila ; MEIRELES, Mário Carlos Araújo ; FERREIRO, Laerte . Production and evaluation of albino mutantes of Sporothrix schenckii. Acta Scientiae Veterinariae , Porto Alegre, v. 32, n.2, p. 119-123, 2004.

  • NASCENTE, Patrícia da Silva ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; ANTUNES, Tatiana de Ávila ; NUNES, José Eurico Vieira ; MEIRELES, Mário Carlos Araújo ; SCHUCH, Luiz Felipe Damé . Avaliação da sensibilidade ïn vitrode Pseudomonas aeruginosa frente ao ácido bórico e ácido acético. Revista Brasileira de Ciência Veterinária , Rio de Janeiro, v. 11, p. 183-184, 2004.

  • NASCENTE, Patrícia da Silva ; MEINERZ, Ana Raquel Mano ; ANTUNES, Tatiana de Ávila ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; XAVIER, Melissa O ; MEIRELES, Mário Carlos Araújo ; MELLO, João R B . Tiabendazol em veterinária - antihelmíntico e antifúngico; uma breve revisão. Revista Brasileira de Medicina Veterinária , Rio de Janeiro, v. 27, 2004.

  • XAVIER, Melissa Orzechowski ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; Sampaio Junior, Daiser Paulo ; ANTUNES, Tatiana de Ávila ; NASCENTE, Patrícia da Silva ; Sória, Flávia Biasoli de Araújo ; MEIRELES, Mário Carlos Araújo . Esporotricose felina com envolvimento humano na cidade de Pelotas, RS, Brasil. Ciência Rural , Santa Maria, v. 34, n.6, p. 1961-1963, 2004.

  • NASCENTE, Patrícia da Silva ; ROSA, Cristiano da Silva ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; FARIA, Renata Osório de ; CLEFF, Marlete Brum ; MEIRELES, Mário Carlos Araújo . Malasseziose ótica e tegumentar em cães e gatos. Boletim do Laboratório Regional de Diagnóstico , Pelotas, v. 24, p. 32-42, 2004.

  • SOUZA, Lorena Leonardo de ; MEINERZ, Ana Raquel Mano ; ANTUNES, Tatiana de Ávila ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; SCHUCH, Luiz Filipi Damé ; MEIRELES, Mário Carlos Araújo . Vírus da Leucemia Felina associado à esporotricose e Microsporose. Boletim do Laboratório Regional de Diagnóstico , v. 24, p. 43-48, 2004.

  • NASCENTE, Patrícia da Silva ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; MEINERZ, A. R. M. ; GOMES, Fabiane R ; SOUZA, Lorena Leonardo de ; MEIRELES, M. C. A. . Ocorrência de Malassezia pachydermatis em cães e gatos. Revista Brasileira de Medicina Veterinária , Rio de Janeiro - RJ, v. 26, n.2, p. 79-82, 2004.

  • SILVEIRA, Erica de Silva ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; SOUZA, Lorena Leonardo de ; FARIA, Renata Osório de ; CLEFF, Marlete Brum ; MEIRELES, Mario Carlos Araújo . Trichophyton verrucosum em bovinos com pele hígida e lesões. Acta Scientiae Veterinariae , Porto alegre, v. 31, n.1, p. 45-49, 2003.

  • EICHENBERG, Maria Lucia ; APPELT, Carin ; MUSCHENER, Adriana ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; MATTA, Dilmara ; ALVES, Sydney ; FERREIRO, Laerte . Susceptibility of Malassezia pachydermatis to azole antifungal agents evaluated by a new broth microdiluition method. Acta Scientiae Veterinariae , Porto Alegre, v. 31, n.2, p. 75-80, 2003.

  • NOBRE, Márcia de Oliveira ; ANTUNES, Tatiana de Ávila ; OLIVEIRA, Izamara Aparecida de ; LUCIA JUNIOR, Thomaz ; FERNANDES, Cristina Gevehr ; MEIRELES, Mario Carlos Araújo ; FERREIRO, Laerte . Development of experimental sporothrichosis in a murine model with yeast and mycelial forms of Sporothrix schenckii. Acta Scientiae Veterinariae , Porto alegre, v. 31, n.4, p. 165-170, 2003.

  • NASCENTE, Patrícia da Silva ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; MEINERZ, Ana Raquel Mano ; GOMES, Fabiane Rezande ; SOUZA, Lorena Leonardo de ; MEIRELES, Mario Carlos Araújo . Malassezia pachydermatis em meato acústico externo e tegumento cutâneo de cães e gatos. Revista Brasileira de Medicina Veterinária , Rio de Janeiro, 2003.

  • NASCENTE, Patrícia da Silva ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; Schuch, Luiz Filipe ; Lucia-Júnior, Thomaz ; FERREIRO, Laerte ; MEIRELES, Mário Carlos Araújo . Evaluation of Malassezia pachydermatis antifungal susceptibility using two different methods. Brazilian Journal of Microbiology , v. 34, n.4, p. 359-362, 2003.

  • NOBRE, Márcia de Oliveira ; NASCENTE, Patrícia da Silva ; Meireles, Mario Carlos ; FERREIRO, Laerte . DROGAS ANTIFÚNGICAS PARA PEQUENOS E GRANDES ANIMAIS. Ciência Rural , Santa Maria, v. 32, n.1, p. 175-184, 2002.

  • NOBRE, Márcia de Oliveira ; MEIRELES, Mário Carlos Araújo ; FAÉ, D. T. C. ; CORDEIRO, J. M. C. ; MEIRELES, R. M. ; FERREIRO, Laerte ; FAÉ, F. ; APPELT, C. E. . Esporotricose zoonótica na região sul do Rio Grande do Sul (Brasil) e revisão da literatura brasileira. Revista Brasileira de Ciência Veterinária , Rio de Janeiro, v. 9, n.1, p. 36-41, 2002.

  • NASCENTE, Patrícia da Silva ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; BAIALARD, Carmem Elza Giordano ; RIETCORREA, Gabriela ; CLEFF, Marlete Brum ; PINTO, José Carlos Padilha ; MEIRELES, Mário Carlos Araújo . Adenite Sebácea granulomatosa em dois cães da raça akita com dermatite por Malassezia pachydermatis e Staphylococcus intermedius. Ciência & Tecnologia Veterinária , Pelotas, v. 1, n.2, p. 49-52, 2002.

  • NOBRE, Márcia de Oliveira ; MEIRELES, M. C. A. ; CAETANO, Dilma T ; FAÉ, F. ; CORDEIRO, J. M. C. ; MEIRELES, R. M. ; APPELT, C. E. ; FERREIRO, Laerte . Zoonotic sporotrichosis in southern region of Rio Grande do Sul State (Brazil) and review brazilian literature.. Revista Brasileira de Ciência Veterinária , Niterói-RJ, v. 9, n.1, p. 36-41, 2002.

  • NOBRE, Márcia de Oliveira ; MEIRELES, Mario Carlos Araújo ; CORDEIRO, M. C. . Importância do felino doméstico na epidemiologia da dermatofitose por Microsporum canis-Relato de caso. Revista da Faculdade de Zootecnia, Veterinária e Agronomia (Uruguaiana) , Uruguaiana, v. 7, n.1, p. 83-86, 2001.

  • NOBRE, Márcia de Oliveira ; CASTRO, A. ; CAETANO, D. ; SOUZA, Lorena Leonardo de ; MEIRELES, Mario Carlos Araújo ; FERREIRO, Laerte . Recurrence of sporotrichosis in cat with zoonotic involvement. Revista Iberoamericana de Micología , Espanha, v. 18, n.3, p. 137-140, 2001.

  • NOBRE, Márcia de Oliveira ; Castro, Ângela Pötter de ; NASCENTE, Patrícia da Silva ; FERREIRO, Laerte ; Meireles, Mario Carlos A. . OCCURRENCY OF MALASSEZIA PACHYDERMATIS AND OTHER INFECTIOUS AGENTS AS CAUSE OF EXTERNAL OTITIS IN DOGS FROM RIO GRANDE DO SUL STATE, BRAZIL (1996/1997). Brazilian Journal of Microbiology , São Paulo, v. 32, n.3, p. 243-247, 2001.

  • NOBRE, Márcia de Oliveira ; MALLMANN, Carlos ; SANTÚRIO, J. ; SOUZA, Lorena Leonardo de ; ANCIUTI, Marcos ; BALDISSARELI, C. ; MEIRELES, Mario Carlos Araújo . Aflatoxicose em suínos. Boletim do Laboratório Regional de Diagnóstico , Pelotas, v. 20, p. 23-29, 1999.

  • GOMES, Fabiane Resende ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; MEIRELES, Mário Carlos Araújo ; NASCENTE, Patrícia da Silva ; MEINERZ, Ana Raquel Mano ; SOUZA, Lorena Leonardo de . Microsporose. Boletim do Laboratório Regional de Diagnóstico , Pelotas, v. 20, p. 31-36, 1999.

  • SILVEIRA, Érica Silva da ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; SOUZA, Lorena Leonardo de ; MEIRELES, Mário Carlos Araújo . Estudo da Prevalência do Trichophyton verrugcosum e Trichophytum equinum em pele hígida e com lesões de bovinos e eqüinos. Boletim do Laboratório Regional de Diagnóstico , Pelotas, v. 20, p. 37-44, 1999.

  • SOUZA, Lorena Leonardo de ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; MEIRELES, Mário Carlos Araújo ; GOMES, F. ; NASCENTE, Patrícia ; MEINERZ, Ana Raquel ; ANTUNES, Tatiana . Esporotricose. Boletim do Laboratório Regional de Diagnóstico , Pelotas, v. 20, p. 45-51, 1999.

  • NASCENTE, Patricia da Silva ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; SOUZA, Lorena Leonardo de ; GOMES, Fabiane Resende ; MEINERZ, Ana Raquel ; MEIRELES, Mário Carlos Araújo . Malasseziose. Boletim do Laboratório Regional de Diagnóstico , Pelotas, v. 20, p. 53-61, 1999.

  • MEINERZ, Ana Raquel ; NASCENTE, Patrícia ; MEIRELES, Mário Carlos Araújo ; SCHUCH, Luiz Filipe Damé ; ANTUNES, Tatiana Ávila ; NOBRE, Márcia de Oliveira . Criptococose. Boletim do Laboratório Regional de Diagnóstico , Pelotas, v. 20, p. 63-69, 1999.

  • NOBRE, Márcia de Oliveira ; MEIRELES, Mario Carlos Araújo ; GASPAR, Luiz Fernando ; PEREIRA, Daniela ; SCHRAMM, Renata ; SCHUCH, L. F. ; SOUZA, L. ; SOUZA, Lorena Leonardo de . Malassezia pachydermatis e outros agentes infecciosos em otites externas e dermatites em cães. Ciência Rural , Santa Maria, v. 28, n.3, p. 447-452, 1998.

  • RAPOSO, Joseane ; NOBRE, Márcia de Oliveira ; FERNANDES, C. G. ; PORTO, M. . Candidíase cutânea em um canino. Revista da Faculdade de Zootecnia, Veterinária e Agronomia (Uruguaiana) , Uruguaiana, v. 2/3, n.1, p. 11-14, 1997.

  • NOBRE, Márcia de Oliveira ; MEIRELES, Mário Carlos Araújo ; GASPAR, L. ; PEREIRA, D. I. B. ; SCHRAMM, Renata ; SCHUCH, F. ; SOUZA, L. ; SOUZA, L. . Prevalência da Malassezia pachydermatis e outros agentes infecciosos nas otites externas e dermatites em cães. Boletim do Laboratório Regional de Diagnóstico , Pelotas, v. 17, p. 35-39, 1997.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

NOBRE, M . Intervenções asisitidas por animais. 2015.

NOBRE, M . Atendimento Clínico em Pequenos Animais no HCV/UFPel. 2015.

NOBRE, M . Intervenções assistidas por animais. 2014.

Nobre, M.O. ; NOGUEIRA, M. T. D. ; COSTA, C. O. ; BARROS, R. C. . Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais. 2013.

Nobre, M.O. ; COSTA, C. O. ; NOGUEIRA, M. T. D. . Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais. 2012.

Nobre, M.O. ; COSTA, C. O. ; NOGUEIRA, M. T. D. . Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais. 2011.

Nobre, M.O. ; COSTA, C. O. ; NOGUEIRA, M. T. D. . Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais. 2010.

Nobre, M.O. ; COSTA, C. O. . Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais. 2009.

Nobre, M.O. ; Schuch, Luis Filipe Damé . Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais. 2008.

Nobre, M.O. ; Schuch, Luis Filipe Damé . Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais. 2007.

Nobre, M.O. ; Schuch, Luis Filipe Damé . Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais. 2006.

Capella, SO ; Nobre, Márcia O. . Saude bucal de cães e gatos. 2016. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Folder).

FERREIRA, P. A. ; NOBRE, M . Obesidade em cães. 2016. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Folder).

NOBRE, M . Atividade, Educação, Terapia Mediada por Animais. 2015. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

NOBRE, M . Pesquisa nas intervenções assistidas por animais. 2015. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

NOBRE, M ; TILLMANN, M. T. ; Capella, SO . Saúde e Bem-estar de Cães e Gatos. 2015. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Folder).

Nobre, Márcia O. ; Capella, SO ; TILLMANN, M. T. . Pet terapia. 2015. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Folder).

MICHELON, L. ; NOBRE, M . Parasitoses gastrointestinais de cães de gatos. 2015. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Folder).

Krug, F. ; Capella, SO ; TILLMANN, M. T. ; NOBRE, M . Disfunção Cognitiva em Cães. 2015. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Folder).

NOBRE, Márcia de Oliveira . Zoonoses em Cães e Gatos. 2011. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

Nobre, M.O. . Otite em cães. 2010. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

Nobre, M.O. . Doenças micóticas na clínica de pequenos animais. 2010. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

NOBRE, Márcia de Oliveira . Curso de Capacitação profissional de técnicos em agropecuária em nível tecnológico para atuação na clínica e sanidade de pequenos animais (Módulo Teórico). 2009. .

NOBRE, Márcia de Oliveira . Curso de Capacitação profissional de técnicos em agropecuária em nível tecnológico para atuação na clínica e sanidade de pequenos animais (Módulo Prático I, 1ª Turma). 2009. .

NOBRE, Márcia de Oliveira . Curso de Capacitação profissional de técnicos em agropecuária em nível tecnológico para atuação na clínica e sanidade de pequenos animais (Módulo Prático II, 1 Turma). 2009. .

NOBRE, Márcia de Oliveira . Curso de Capacitação profissional de técnicos em agropecuária em nível tecnológico para atuação na clínica e sanidade de pequenos animais (Módulo Prático I, 2ª Turma). 2009. .

NOBRE, Márcia de Oliveira . Curso de Capacitação profissional de técnicos em agropecuária em nível tecnológico para atuação na clínica e sanidade de pequenos animais (Módulo Prático II, 2ª Turma). 2009. .

MUELLER, Eduardo Negri ; NOBRE, Márcia de Oliveira . Avaliação clínica geral e semiologia dermatológica de pequenos animais. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

PEREIRA, I. C. ; NOBRE, Márcia de Oliveira . Anestesiologia em pequenos animais. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

NOBRE, Márcia de Oliveira . Material didático da disciplina de Clínica Médica de Pequenos Animais I - Sistema Digestório. 2009. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila).

NOBRE, Márcia de Oliveira . Material didático da disciplina de Clínica Médica de Pequenos Animais I - Sistema Cardiocirculatório. 2009. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila).

NOBRE, Márcia de Oliveira . Material didático do curso de capacitação profissional de técnicos em agropecuária em nível tecnológico para atuação na criação e sanidade de pequenos animais. 2009. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila).

NOBRE, Márcia de Oliveira ; SILVA, J. S. ; Capella, SO ; FELIX, A. O. C. ; MUELLER, Eduardo Negri . ClinPet - Grupo de Pesquisa, Ensino e Extensão em Clínica de Pequenos Animais. 2009. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Folder).

NOBRE, Márcia de Oliveira ; MUELLER, Eduardo Negri ; SILVA, J. S. ; TILLMAN, Mariana . Educação, saúde e bem-estar animal. 2008. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Folder).

CLEFF, Marlete Brum ; MUELLER, Eduardo Negri ; SILVA, Patrícia Lisiane Santos da ; SANTIN, Rosema ; NOBRE, M. ; STELMAKE, L. L. ; NOGUEIRA, Carlos Eduardo W . Plantas Medicinais encontradas na Região da Ceval - Pelotas - RS. 2008. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Manual).

NOBRE, Márcia de Oliveira . Material didático da disciplina de Clínica Médica de Pequenos Animais I - Sistema Respiratório. 2008. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila).

NOBRE, Márcia de Oliveira . ClinPet - Grupo de Pesquisa, Ensino e Extensão em Clínica de Pequenos Animais. 2008. (Site).

MEIRELES, M. C. A. ; NOBRE, Márcia de Oliveira . Micologia. 2000. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila).

NOBRE, Márcia de Oliveira ; Ibeiro, T . Peterapia - terapia assistida com cães. 2009.

NOBRE, Márcia de Oliveira ; SCHUCH, L. F. D. ; Ibeiro, T ; BERGMANN, Lucimara Konflanz . Zooterapia. 2009.

NOBRE, Márcia de Oliveira ; SCHUCH, L. F. D. . Peterapia. 2008.

NOBRE, Márcia de Oliveira ; RIBEIRO, Gladis Aver ; LEITE, Fábio Pereira Leivas ; COIMBRA, Helen Silveira ; MENEZES, Adriane Maria Delgado . Microbiologia e suas aplicações. 2004 (Aulas ministradas) .

NOBRE, Márcia de Oliveira . Marcelo Ramos, aluno do Curso de Medicina Veterinária da Universidade de Cuiabá - UNIC- MT. 2000 (Orientação de estágio regulamentar) .

NOBRE, Márcia de Oliveira . Eliane Nomura, aluna do curso de Medicina Veterinária da Universidade de Cuiabá UNIC - MT. 2000 (Orientação de estágio regulamentar) .

NOBRE, Márcia de Oliveira . Aulas teóricas de Micoses - Disciplina de Microbiologia - Curso de Medicina Veterinária - instituto de Biologia - UFPEL. 1999 (Aulas ministradas) .

NOBRE, Márcia de Oliveira . Aulas teóricas de Micoses - Disciplina de Microbiologia- Curso de Medicina - instituto de Biologia - UFPEL. 1999 (Aulas ministradas) .

NOBRE, Márcia de Oliveira . Laboratório de Micologia (Faculdade de Veterinária - UFPEL) do aluno Diego Moscarelli Pinto, aluno do curso de Medicina Veterinária - UFPEL. 1999 (Orientação de estágio) .

NOBRE, Márcia de Oliveira . Laboratório de Micologia (Faculdade de Veterinária - UFPEL)de Cassiel Baldissarelli, aluno do curso de Medicina Veterinária - UFPEL. 1999 (Orientação de estágio) .

NOBRE, Márcia de Oliveira . Laboratório de Micologia(Faculdade de Veterinária - UFPEL) de Luciano Marques Pinto aluno do curso de Medicina Veterinária - UFPEL. 1999 (Orientação de estágio) .

NOBRE, Márcia de Oliveira . Laboratório de Micologia(Faculdade de Veterinária - UFPEL) de Ingrid Bager aluna do curso de Medicina Veterinária - UFPEL. 1999 (Orientação de estágio) .

NOBRE, Márcia de Oliveira . Laboratório de Micologia(Faculdade de Veterinária - UFPEL) da Medica Veterinária Marilda Oliveira Ávila - Faculdade de Veterinária - UNIC. 1999 (Orientação de estágio) .

NOBRE, Márcia de Oliveira . Palestra Curso de Especialização em Microbiologia Universidade de Caxias do Sul. 1999 (Aulas ministradas) .

NOBRE, Márcia de Oliveira . Laboratório de Micologia(Faculdade de Veterinária - UFPEL) de Joseana Garcia, aluna do curso de Medicina Veterinária - UFPEL. 1998 (Orientação de estágio) .

NOBRE, Márcia de Oliveira . Laboratório de Micologia (Faculdade de Veterinária - UFPEL) da Medica Veterinária Érica da Silva Silveira. 1997 (Orientação de estágio) .

NOBRE, Márcia de Oliveira . Laboratório de Micologia(Faculdade de Veterinária - UFPEL) da Medica Veterinária Patrícia da Silva Nascente - Faculdade de Veterinária -UFPEL. 1997 (Orientação de estágio) .

NOBRE, Márcia de Oliveira . Aula teórica sobre nutrição de cães e gatos - Curso de Medicina Veterinária - Departamento de Zootecnia. 1995 (Aulas ministradas) .

NOBRE, Márcia de Oliveira . Estética de Pequenos Animais. 1994 (Aulas ministradas) .

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2017 - Atual

    Potencial terapêutico de fitoterápicos no tratamento da otite externa, Descrição: A utilização de medicamentos que tenham em sua formulação extratos vegetais, vem de encontro ao interesse do mercado, na busca de produtos naturais e que demonstrem eficácia nos tratamentos de enfermidades. Na rotina clínica de animais de companhia é alta a casuística de otite externa. A otite externa é caracterizada por ser a inflamação do epitélio do conduto auditivo externo, sendo uma afecção de caráter agudo ou crônico e frequentemente recidivante. Para o tratamento existe uma grande demanda de produtos que sejam mais efetivos e seguros e de fácil administração, estimulando assim o desenvolvimento deste projeto de pesquisa com o intuito de utilizar formulações fitoterápicas e extratos vegetais para o tratamento da otite externa. Para tanto serão adquiridos as plantas de empresas produtoras, com certificação das sementes e serão produzidos os extratos e posteriormente será realizada a análise para identificação dos constituintes químicos. A partir da obtenção dos extratos serão produzidas as fórmulas comerciais como solução otológica de extratos previamente estudados e obtidos os extratos vegetais de plantas que estão sendo iniciadas nos estudos. Na sequência serão avaliadas a atividade bactericida e anti-inflamatória dos produtos, seguido da avaliação do efeito do produto otológico no tratamento da otite externa induzida, em animais experimentais, desenvolvendo o ensaio de tolerância local, o ensaio de toxicidade de longa duração e o estudo clínico na espécie alvo e ainda estudo da repelência frente a moscas e carrapatos.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (3) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Coordenador / Sabrina de Oliveira Capella - Integrante / Aurelio luciano costa - Integrante / Risciela Salardi Alves de Brito - Integrante / Bruno Cabral Chagas - Integrante / Antonio Andrade Junior - Integrante.

  • 2017 - Atual

    Mensuração da interleucina-10 sérica de gatos com esporotricose, Descrição: Amplamente distribuída pelo mundo, a esporotricose é considerada a micose subcutânea mais frequente na América Latina, e é encontrada acometendo humanos, cães e, principalmente, gatos. Atualmente a doença é considerada endêmica no estado do Rio Janeiro, com uma dimensão praticamente inestimável, e bastante relatada no estado do Rio Grande do Sul, sendo a maioria dos casos zoonótica e decorrente do contato com felinos que também desenvolveram a doença. São escassos os trabalhos na literatura que discutem se há alguma particularidade imunológica que faz com que a doença seja mais intensa nos felinos domésticos que em outras espécies, sendo que nunca foram avaliadas as citocinas envolvidas nesse processo, evidenciando a necessidade de mais estudos acerca do assunto para elucidar a resposta imunológica do felino ao fungo. Dessa forma, torna-se necessário estudar os aspectos imunológicos do gato para elucidar a agressividade da doença nessa espécie, o que interfere diretamente no seu potencial como transmissor inter espécie e com o desenvolvimento de casos zoonóticos dessa morbidade no Brasil. Neste projeto serão estudados gatos (Felis catus) com lesões de pele compatíveis com esporotricose, a qual deverá ser confirmada por análise micológica ou por diagnóstico terapêutico; e gatos saudáveis (sem doenças clínicas aparentes) como grupo controle. A interleucina-10 sérica de todos os gatos será mensurada, bem como serão submetidos ao diagnóstico das retroviroses felinas. Os resultados obtidos serão comparados conforme a presença de esporotricose, a gravidade da doença, a apresentação clínica das lesões e a coinfecção pelos vírus da FIV e/ou da FeLV. Também será avaliado a influência da associação do fármaco imunomodulador associado ao tratamento antifúngico em relação a evolução clínica e os parâmetros hematológicos, bioquímicos e clínicos de gatos naturalmente infectados com esporotricose. Espera-se que o fármaco possa atenuar o tempo necessário de tratamento para obtenção da cura clínica e melhore os parâmetros hematimétricos e leucométricos, assim como não apresente sinais de toxicidade renal e hepática.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Coordenador / Renata de Faria Osório - Integrante / Melissa de O Xavier - Integrante / Angelita dos Reis Gomes - Integrante / Laura Michelon - Integrante / Jéssica Paola Salame - Integrante / Risciela Salardi Alves de Brito - Integrante / Martha Bravo Cruz Pieiro - Integrante / Gustavo Forlani Soares - Integrante.

  • 2016 - 2019

    Caracterização toxicológica e funcional do extrato aquoso de LCEA206, Descrição: Há milhares de anos as plantas são observadas como um componente essencial à vida, não só por sua participação na alimentação, mas também na manutenção da saúde humana e animal. Diversos relatos, por várias gerações, tratam da utilização das plantas como fitoterápicos. Contudo, na grande maioria das vezes a abrangência da utilização ultrapassa o conhecimento científico sobre o método correto de uso, sendo baseado apenas nas formas empírica e em formas de administração que podem não causar o efeito desejado ou, muitas vezes, causar malefícios a saúde do usuário. Neste contexto, a vasta extensão territorial brasileira faz com que o país receba destaque por seu potencial medicinal. Sendo que neste espaço, o bioma Pampa aparece de forma única. A planta a qual denominados de LCEA206, é amplamente difundida neste bioma. Com recomendações empíricas diversificadas, esta planta da família Malvaceae, segundo a medicina popular, pode tratar diversas enfermidades. Transpondo para a medicina veterinária, encontramos a otite externa como uma das doenças de maior ocorrência em cães. Diversos fatores podem ocasionar tal afecção, sendo que por diversas vezes o tratamento errôneo, além da negligencia por parte dos médicos veterinários e proprietários, tem elevado os índices de recidivas desta enfermidade ao ponto de ocasionarem complicações irreversíveis aos pacientes. Com base nisso objetivamos caracterizar de forma toxicológica e funcional o extrato aquoso de LCEA206, com a pretensão do desenvolvimento de uma formulação medicamentosa, a qual deve ser capaz de tratar otite externa canina com elevada eficácia. Para que se cumpram as etapas legais previstas pela legislação brasileira, foi traçado um plano estratégico através de ensaios de toxicidade in vitro, ex vivo, além de ensaios clínicos in vivo, os quais devem culminar com o desenvolvimento do tratamento inovador para a otite externa canina.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Coordenador / Geferson Fischer - Integrante / Carla S Canielles - Integrante / Silvia Ladeira - Integrante / Anelize de Oliveira Campello Félix - Integrante / Fabiane Borelli Grecco - Integrante / Eduardo Fontoura - Integrante / Cristina Gevehr Fernandes - Integrante / FELIX, SAMUEL RODRIGUES - Integrante.

  • 2016 - Atual

    Avaliação toxicológica do extrato vegetal LCEO302, Descrição: Resumo: A vasta flora brasileira estimula o interesse científico sobre o potencial de extratos oriundos de plantas culturalmente conhecidas como medicinais. Contudo a ideia difundida de que fitoterápicos são naturais e não causam danos à saúde resulta em uma falta de estudos toxicológicos em plantas medicinais. Essa análise independe dos resultados farmacológicos e é imprescindível para o uso seguro dos extratos vegetais que se conheça as informações toxicológicas de cada fitoterápico. Neste contexto, o extrato vegetal LCEO 302 é descrito pelo nosso grupo de pesquisa como alternativa promissora aos tratamentos farmacológicos tradicionais. Assim, seguindo as recomendações da Agencia Nacional de Vigilância Sanitária, propõe-se determinar os possíveis efeitos adversos do extrato vegetal LCEO 302, através de ensaios toxicológicos de curta e longa duração, além de ensaio de sensibilidade ocular. Permitindo assim o desenvolvimento de um produto fitoterápico aplicável na rotina clínica veterinária.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Coordenador / Cristina Gevehr Fernandes - Integrante / Mariana Teixeira Tillmann - Integrante / Anelize de Oliveira Campello - Integrante / Sabrina de Oliveira Capella - Integrante / Rogério Antonio Freitag - Integrante / Flavio Clasen Chaves - Integrante / Renato Vianna - Integrante / Carolina Fonseca Sapin - Integrante.

  • 2015 - 2019

    ATIVIDADE ASSISTIDA POR ANIMAIS: os efeitos para os humanos e cães terapeutas, Descrição: Os programas de Terapia Assistida por Animais como de Atividade Assistida por Animais tem sido eficaz para diferentes deficiências e problemas de desenvolvimento, como paralisia cerebral, Síndrome de Down, distúrbios de comportamento, autismo, esquizofrenia e psicoses; comprometimentos emocionais, deficiências visual e/ou auditiva, distúrbio de atenção, de aprendizagem, de percepção, de comunicação e de linguagem, de hiperatividade, além de problemas como insônia e estresse. Os benefícios nos pacientes submetidos a estes programas podem ser físicos, sociais e psicológicos, tais como: inibição da dor, estímulo à memória, de comunicação, segurança, confiança, socialização, motivação, aprendizagem, diminuição da solidão e a ansiedade, recuperação da autoestima, desenvolvimento de sentimentos de compaixão, estimulo a prática de exercícios, entre outros. A presente pesquisa busca identificar os efeitos para os seres humanos e cães submetidos à Atividade Assistida por Animais em cinco diferentes tipos de populações, ou seja, crianças com comprometimento neurológico, adultos com comprometimento neurológico, adultos com transtornos mentais internados em instituição psiquiátrica, adultos portadores de sofrimento mental moradores da Pensão Assistida e crianças internadas em hospital geral. Tal atividade baseia-se no uso de animais chamados co-terapeutas, os quais devem apresentar boa saúde física e mental visando ao bem-estar do animal e à segurança do paciente assistido. Este estudo também norteará os efeitos desta prática sobre os cães terapeutas, através de uma avaliação mais objetiva possível, e o conhecimento do real grau de estresse que a atividade de AAA possa vir a diminuir nas pessoas assistidas e nos cães. As atividades serão realizadas de forma específica em cada local atendido e orientada pela equipe de profissionais envolvidos no projeto como psicólogos, fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais, enfermeiros e educadores, entre outros. Com a utilização dos cães como mediadores para o desenvolvimento de afetividade, interação social, lazer. educação e minimizadoras de estresse. Os resultados serão avaliados de forma individual em cada atividade.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (30) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Coordenador / Sabrina de Oliveira Capella - Integrante / Maria Teresa Duarte Nogueira - Integrante / Fernanda Dagmar Martins Krug - Integrante / Rita Cossio - Integrante / Viviane Ribeiro Pereira - Integrante.

  • 2015 - 2018

    Avaliação de um produto experimental na cicatrização de feridas cutâneas em modelo experimental, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Coordenador / Mariana Teixeira Tillmann - Integrante / Sabrina de Oliveira Capella - Integrante / Anelize de Oliveira Campello Félix - Integrante / Patricia Almeida Ferreira - Integrante / Samuel Rodrigues Felix - Integrante / Eduardo Fontoura - Integrante / Laura Michelon - Integrante / Gustavo Soares Forlani - Integrante / Fernanda Dagmar Martins Krug - Integrante / Paula Diele Pereira Fonseca Lages - Integrante.

  • 2015 - 2016

    Efeito de extratos vegetais como adjuvantes na terapia antineoplásica, Descrição: Os tumores mamários representam um problema de largo impacto na medicina veterinária e humana. Cada vez surgem mais evidências sobre os benefícios da associação da quimioterapia no combate a diversos tipos de neoplasias, principalmente devido a essas medicações atenuarem a proliferação de células neoplásicas, reduzirem o potencial metastático, aumentando assim a sobrevida desses pacientes. O objetivo do projeto é determinar as alterações relacionadas ao estresse oxidativo, parâmetros hematológicos e bioquímicos decorrentes do da terapia antineoplásica em modelo biológico (ratos Wistar), bem como a atuação dos extratos de vegetais frente a essas alterações.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Integrante / Anelize de Oliveira Campello - Coordenador / Gustavo Soares Forlani - Integrante.

  • 2015 - 2016

    Determinação do perfil de marcadores séricos em caninos com carcinomas mamários e expressão de marcadores epiteliais e mesenquimais nos componentes mesenquimais dos tumores mistos de mama em caninos, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Cristina Gevehr Fernandes em 21/08/2015., Descrição: Determinação do Perfil de Marcadores Séricos em Caninos com Carcinomas Mamários e Expressão de Marcadores Epiteliais e Mesenquimais nos Componentes Mesenquimais dos Tumores Mistos de Mama em Caninos. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Integrante / Cristina Grevehr Fernandes - Coordenador.

  • 2014 - 2018

    A Terapia Assistida por Animais aliada a terapia psicológica integrada com pacientes com necessidades especiais, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Coordenador / Maria Teresa Duarte Nogueira - Integrante.

  • 2014 - 2018

    Avaliação da síndrome de disfunção cognitiva em cães, Descrição: Serão abordados tutores de cães adultos/maduros através de um questionário observacional disponibilizado online. As questões foram adaptadas de OSELLA et al. (2007). Após o preenchimento do questionário, será realizado o somatório e atribuídas uma escala de valores que fornecerá um resultado de alteração ou não no comportamento do animal. Os cães que apresentarem alterações de comportamento e residirem na cidade de Pelotas ou região, serão convidados a participar da segunda fase do estudo que será realizada no HCV ? UFPel. Os animais serão avaliados através de exame clínico, exames laboratoriais e testes cognitivos para avaliar a memória e aprendizagem dos mesmos. A terceira fase consiste em avaliações histopatológicas dos cérebros de cães com idade a cima de 7 anos que vierem a óbito por morte natural, tanto aqueles avaliados anteriormente, como animais provenientes da rotina do HVC-UFPel ou de clínicas particulares com ou sem sinais de disfunção cognitiva. Os mesmos, serão encaminhados ao Departamento de Patologia Animal FV/UFPel, mediante termo de consentimento livre e esclarecido, com o objetivo de verificar alterações histopatológicas de disfunção cognitiva.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (6) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Coordenador / Mariana Teixeira Tillmann - Integrante / Fabiane Borelli Grecco - Integrante / Cristina Gevehr Fernandes - Integrante / Fernanda Dagmar Martins Krug - Integrante / CAPELLA, SABRINA DE OLIVEIRA - Integrante / Carona da Fonseca Sapin - Integrante / Carmen Lucia Garcez - Integrante.

  • 2014 - 2016

    Ensaio de toxicidade aguda e de longa duração dos extratos de andiroba (Carapa guianensis), copaíba (Copaifera spp.), trigo (Triticum aestivum), hibisco (Hibiscus rosa-sinensis), douradinha do campo (Waltheria douradinha) e carrapicho (Xanthium cavanilles, Descrição: Os produtos isolados de plantas compõem uma vasta gama de compostos orgânicos naturais, produtos do metabolismo primário e secundário, que podem exercer efeitos benéficos ou maléficos sobre o organismo. Ainda assim, a população em geral adere á ideia errônea de que produtos fitoterápicos, por serem naturais, são isentos de efeitos tóxicos ou adversos. Com isso, estudos toxicológicos são essenciais para garantir o uso seguro de fitoterápicos para promoção da saúde. De acordo com a ANVISA, deve-se submete-los a testes de toxicidade aguda e toxicidade de doses repetidas através dos métodos recomendados pela legislação vigente do país, sendo as informações toxicológicas obtidas através da realização de pesquisas em animais experimentais previamente padronizadas.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Coordenador / Mariana Teixeira Tillmann - Integrante / Sabrina de Oliveira Capella - Integrante / Patricia Almeida Ferreira - Integrante / Samuel Rodrigues Felix - Integrante / Thiago Vaz Lopez - Integrante / Rogério Antonio Freitag - Integrante / FELIX, A.O.C. - Integrante / Eduardo Fontoura - Integrante / FERNANDES, CICIANE P.M. - Integrante / Gustavo Soares Forlani - Integrante.

  • 2014 - 2016

    Determinação de fatores de risco associados a soro-reatividade para leptospirose animal através de estudos de coorte e incidência e seu impacto em saúde pública, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Integrante / Odir Dellagostin - Integrante / Éverton Fagonde da Silva - Coordenador.

  • 2013 - 2015

    Avaliação do metabolismo de carboidratos e lipídios de animais experimentais submetidos a dieta hipercalórica tratados com o extrato Hibiscus rosa-sinensis, Descrição: A obesidade e o aumento dos ácidos graxos livres resultam na indução de estresse oxidativo, inflamação, reatividade vascular subnormal e resistência a insulina. A utilização do hibisco demonstrou atividade anti-diabética em humanos e resultados similares foram obtidos em ratos hiperglicêmicos. A obesidade é uma epidemia mundial e quanto antes tratarmos, menos danos ocorrerão ao organismo. O objetivo deste projeto é avaliar o metabolismo dos carboidratos e lipídios frente a dieta hipercalórica em animais experimentais, utilizando como tratamento o Hibiscus rosa-sinensis. Será realizado um experimento in vivo com 80 ratos; separados por dieta: normal ou hipercalórica, e novamente por tratamento: extrato aquoso de hibisco nas concentrações 125 (GI), 250 (GII), 500 (GIII) e 750 (GIV) mg/kg e solução fisiológica. Após 90 dias de tratamento, os animais serão eutanasiados e as amostras sanguíneas enviadas para análise bioquímica da função hepática, renal, metabolismo lipídico e glicídico. Os tecidos hepático, renal, muscular, pancreático e adiposo serão encaminhados para análise histopatológica e celular. O experimento in vitro utilizará tecido adiposo perilombar, proveniente dos animais experimentais. Esperamos caracterizar os componentes majoritários e bioativos do extrato aquoso do hibisco, definir as doses indicadas para obtenção do efeito desejado, demonstrar que ratos tratados apresentam menos alterações decorrentes da ingesta da dieta hipercalórica e descrever a atividade/expressão em receptores específicos celulares e de interesse. O projeto permitirá a divulgação dos resultados em periódicos internacionais e congressos, bem como o treinamento de alunos de iniciação cientifica e pós-graduação, compondo dissertações e teses. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Coordenador / Anelize de Oliveira Campello Félix - Integrante / Patricia Almeida Ferreira - Integrante / Samuel Rodrigues Felix - Integrante / Jéssica Paola Salame - Integrante / Rodrigo Franco Bastos - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul - Auxílio financeiro.

  • 2013 - 2015

    Avaliações ecocardiográficas e radiográficas do coração de cães relacionando com os sinais clínicos e eletrocardiográficos, Descrição: Manifestações de doenças cardíacas podem estar presentes mesmo que o animal não se apresente num quadro de insuficiência cardíaca. Uma avaliação complementar, utilizando radiografia torácica, eletrocardiografia, ecocardiografia e algumas vezes outros testes, são geralmente indicados quando os sinais sugestivos de doença cardíaca estão presentes.Visto a importância que as alterações cardíacas representam para a clínica de pequenos animais e da necessidade de diagnóstico precoce e de um serviço especializado no diagnóstico das variadas cardiopatias propõe-se este projeto que busca implementar um serviço especializado em cardiologia no Hospital de Clinicas Veterinária (HCV-UFPel), tendo como centro a radiografia torácica e a ultrassonografia cardíaca a fim de relacionar possíveis alterações de imagem com os achados clínicos e com o traçado eletrocardiográfico, determinando um diagnóstico preciso para os clínicos veterinários, próprios do HCV quanto para os veterinários de clínicas particulares da cidade de Pelotas e de cidades vizinhas.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Coordenador.

  • 2013 - 2015

    Atividade cicatricial da Copaifera sp, Croton lecheleri e Bixa orellana L., Descrição: Os fitoterápicos são utilizados desde os tempos ancestrais para a cura de diversas enfermidades, sendo nesse período utilizado empiricamente. A vasta quantidade de plantas com propriedades farmacológicas disponível no Brasil estimula o interesse científico sobre o potencial destes compostos, sendo importante determinar a presença e intensidade desses nos extratos vegetais.O objetivo desse trabalho será avaliar o efeito cicatricial do óleo de copaíba (Copaifera sp), sangue de dragão (Croton lechleri) e do urucum (Bixa orellana L.). Para isso será obtido o extrato das plantas e realizada a avaliação cromatográfica dos constituintes majoritários de cada um dos fitoterápicos. Após serão realizadas feridas cutâneas em ratos Wistar e essas serão tratadas com os extratos dos fitoterápicos durante 21 dias. Aos 4, 7, 14 e 21 dias serão realizadas análises clinicas ( presença e ausência de crosta, tipo de exsudato e tecido de epitelização), planimetria digital, histopatológica e histológica de fibras colágenas e elásticas. Aos 21 dias além das avaliações já citadas serão realizadas análise tensiométrica e avaliação do metabolismo hepático e renal através de dosagens de alanina aminotransferase, aspartato aminotransferase, fosfatase alcalina, uréia e creatinina e estudo histopatológico dos órgãos. Espera-se que com o desenvolvimento do projeto seja caracterizado a composição química dos extratos vegetais identificando os compostos majoritários. Além da formação in vivo de tecido epitelial organizado de acordo com as fases da cicatrização, formando uma cicatriz resistente a tensão, normotrófica e nos padrões morfológicos estruturais da epiderme. Assim como a determinação do metabolismo hepático e renal desses animais. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Coordenador., Número de produções C, T & A: 6

  • 2012 - 2016

    Avaliação do efeito cicatrizante de Carapaguianensis e Caesalpiniaferrea Mart. exTul (Prorrogação 1), Descrição: A pele serve como uma barreira protetora ao exterior e na presença de qualquer ruptura, essa deve ser rápida e eficientemente reparada. O processo cicatricial acontece para que haja restauração da função e da continuidade anatômica do tecido epitelial. Os extratos de plantas têm sido utilizados na cicatrização para vários tipos de tecido, porém é dado ao tecido epitelial maior importância, certamente pela maior proporção de lesões em relação aos demais tecidos e por este ser o tecido preferível de eleição para o estudo da cicatrização. Serão utilizados 135 ratos divididos em três grupos aleatoriamente contendo 45 animais em que serão realizadas lesões no dorso e aos sete, 14 e 21 dias serão eutanasiados 15 animais de cada grupo para avaliação dos tratamentos sendo utilizado óleo de andiroba, jucá e cloreto de sódio 0,9%. As lesões serão avaliadas através de análise clínica, histopatológica, estudo tensiométrico e avaliação do tipo de colágeno.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Coordenador., Número de produções C, T & A: 3

  • 2012 - 2015

    Comportamento de neoplasmas mamários frente ao uso de antioxidantes, Descrição: Os tumores mamários são as neoplasias mais freqüentes em cadelas e têm sidorelacionados com uma alta percentagem de causa de morte em animais idosos. Os antioxidantes exercem papel fundamental na terapia adjuvante de pacientes oncológicos. O selênio já demonstrou boa capacidade como auxiliar no tratamento destes pacientes. A copaíba é utilizadaem larga escala para tratamento de feridas cutâneas, alergias, entre outros.Porém estudos comprovando suas propriedades ainda são escassos.Considerando estes aspectos, objetivou-se estudar o comportamento deneoplasmas mamários, induzidos quimicamente em modelos experimentais,utilizando o selênio e o óleo de copaíba como tratamento. Para isso serão realizados dois experimentos. O primeirocontará com 30 animais divididos em três grupos que serão divididosem três grupos, cada um com 10 animais. Os grupos experimentais serão tratados com selênio, óleo de copaíba ou NaCl 0,9%. Os tratamentos serão administrados por gavagem a cada dois dias, até a exérese tumoral. Após 60 dias do início do traramento será realizada indução tumoral utilizando N-Nitroso-N-methylurea (Isopac; Sigma) por injeção intraperitoneal, nadose de 50mg/kg diluído em 1ml de solução salina 0,9%, com pH 5,0. Os animaisserão acompanhados sendo avaliado as formações tumorais, após 42 dias daindução tumoral será realizado PAAF (punção aspirativa por agulha fina) de todosos nódulos formados e o estadiamento tumoral. Em seguida será realizada a exérese tumoral onde será realizada análise histopatológica e imunohhistoquimica. A verificação das dosagens de marcadores moleculares séricos e estresse oxidativo serão realizadas nos dia da cirurgia (dia 0) e nos dias 30 e 60 pós-cirúrgicos, quando os animais serão eutanasiados e avaliado a formação de novos nódulos e metástases e estudo histopatológico. No segundo experimento os animais sofrerão indução tumoral e após a remoção cirúrgicaserão tratados com selênio, óleo de copaíba ou NaCl 0,9%, por 60 dias. Serão analisados as dosagens dos marcadores moleculares séricos e estresse oxidativo nos dias 0, 30 e 60, pós-cirurgia e no final do período experimental os animais serão eutanasiados para verificação e estudo de novos nódulos e metástases.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Coordenador / Sabrina de Oliveira Capella - Integrante / Anelize de Oliveira Campello Félix - Integrante / Patricia Almeida Ferreira - Integrante / Ciciane Pereira Marten Fernandes - Integrante / Eduardo Fontoura - Integrante., Número de produções C, T & A: 3

  • 2011 - 2013

    Avaliação radiológica da motilidade gástrica em modelo experimental submetido à eletroacupuntura, Descrição: Diferentes fatores e patologias interferem na motilidade do Trato Gastrointestinal (TGI) dos animais, a terapêutica para estes desequilíbrios, baseia-se na utilização de fármacos como laxantes, antidiarréicos e procinéticos porém, estes interferem também em outros sistemas. Com isso tem-se buscado alternativas menos invasivas e mais naturais para resolução destes problemas, incluindo uso de fitoterápicos e acupuntura. Estudos têm utilizado exame radiográfico, esferas plásticas e carvão ativado para avaliar o TGI. Considerando o avanço da medicina e o crescente uso das terapias alternativas, o objetivo do estudo será avaliar por meio de radiologia, a motilidade gástrica de ratos wistar submetidos a eletroacupuntura e terapia convencional. A técnica de avaliação da motilidade gástrica será de acordo com Tabosa et al. (2004). Serão utilizados 30 ratos albinos, linhagem wistar,.que serão adaptados ao manuseio para a administração dos tratamentos e realização do exame radiográfico. Após administração das esferas, os animais serão sedados para realização do exame radiográfico; sendo os grupos experimentais: T1 (n=07): Grupo controle negativo, sem tratamento; T2 (n=07): Grupo tratado com eletroacupuntura nos pontos pré-determinados; T3 (n=07): Grupo Tratado com eletroacupuntura nos pontos cegos; T4 (n=07): Grupo controle positivo, tratado com metoclopramida. Com os objetivos propostos pretende-se demonstrar que é possível avaliar motilidade gástrica através da radiologia com o uso de esferas, e que os animais experimentais submetidos a eletroacupuntura nos pontos pré-determinados, tiveram alteração na motilidade gástrica. Sendo possível a utilização desta terapêutica nos distúrbios de motilidade do TGI dos animais. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Integrante / Marlete Brum Cleff - Coordenador.

  • 2011 - 2013

    Neoplasmas mamários em cães e a relação com minerais séricos e níveis hematimétricos, Descrição: Esforços estão sendo realizados para adoção de critérios que permitam a padronização do diagnóstico, o entendimento do comportamento biológico, a evolução tumoral e a avaliação de fatores prognósticos como morfologia, expressão de oncogenes e alterações gênicas. A dosagem de minerais está entre os indicadores prognósticos em pacientes oncológicos estudados, porém não se obteve nível de alteração estabelecido. Serão incluídos no estudo cães portadores de tumorações (nódulo(s)) mamárias, sendo considerados apenas os distúrbios confirmados como neoplasias após exame histopatológico. Esses animais serão submetidos à procedimento cirúrgico com a retirada total da massa tumoral e de todas as metástases regionais presentes. Serão considerados os níveis fisiológicos por padrões determinados por Meyer et al (1995) e Kaneko et al, (1997) sendo os níveis fisiológicos de cálcio de 9,0 até 11,3mg/dl e de magnésio de 1,8 até 2,4mg/dl. Os cães serão submetidos à procedimento cirúrgico de exerese total das massas tumoral, desta forma serão obtidas as peças tumorais para avaliação anatomopatológica. Considerando a morfologia dos tumores mediante características de histogênese, graus de diferenciação, índice mitótico, grau de invasividade e necrose. Utilizando a classificação descrita, os neoplasmas serão divididos em quatro grupos: benignos (Grupo B), baixa malignidade (Grupo BM), malignidade intermediária (Grupo MI) e alta malignidade (Grupo AM). , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Coordenador.

  • 2011 - 2012

    Avaliação da histotoxicidade e de alterações metabólicas após o uso do etil-cianoacrilato e n-butil-cianoacrilato em camundongos, Descrição: Os adesivos sintéticos são utilizados como substitutos de suturas convencionais.O etil-cianoacrilato (Super Bonder) é um éster do ácido cianoacrílico com dois carbonos em sua cadeia lateral, que degrada-se rapidamente em cianoacetato e formaldeído. Estes subprodutos, tóxicos, acumulam-se nos tecidos produzindo inflamação aguda e crônica. A cola Vetbond composta por n-butil cianoacrilato, está sendo bastante utilizada na medicina veterinária brasileira, como auxiliar para a aproximação de tecidos em cortes superficiais. Ainda não há informações ue contemplem os efeitos metabólicos in vivo do uso do etil-cianoacrilato e também são raros estudos sistêmicos in vivo relacionados com exposição a médio e longo prazo dos demais cianoacrilatos. O objetivo deste estudo é avaliar a histoxicidade e as alterações metabólicas camundongos expostos ao etil-cianoacrilato e ao n-butil-cianoacrilato. Serão utilizados 120 camundongos Swiss albino, distribuídos em 3 grupos (1,2 e 3) de 40 animais cada. No grupo 1 a síntese será feita com adesivo a base de etil-cianoacrilato, ; no grupo 2 será utilizado para síntese adesivo a base de n-butil-cianoacrilato e no grupo 3 fio de nailon monofilamentar 5-0, com sutura do tipo contínua. Nos dias 7, 15, 30 e 45 os animais serão eutanasiados e serão coletadas amostras de sangue para avaliação do metabolismo hepático com a dosagem de alanina amino transferase, aspartato amino transferase e fosfatase alcalina e do metabolismo renal com a avaliação da uréia e creatinina. serão coletados fragmentos da pele no local da incisão, rins, coração, pulmões, fígado e sistema nervoso central, sendo avaliado alterações por estudo histopatológico de tecidos. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Auxílio financeiro.

  • 2010 - 2014

    Escore corporal relacionado com glicemia, metabolismo lipídico e marcadores cardíacos de cães, Descrição: A obesidade canina pode desencadear alterações glicêmicas, dislipidemias, desbalanço eletrolítico, e aumentar a ocorrência de malasseziose. Animais insulino-resistentes podem apresentar hipertrigliceridemia como resultado do aumento da fração VLDL-C, a qual pode ocorrer pelo incremento de substratos no fígado, principalmente glicose. A pele possui uma camada lipídica que forma uma barreira de proteção, e a Malassezia pachydermatis é uma levedura presente na microbiota, lipofílica e não lipodepende. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Coordenador / Felipe Schuch - Integrante / Cristina Gevehr Fernandes - Integrante / Carmem Lúcia Garcez Ribeiro - Integrante / Márcio Nunes Corrêa - Integrante / Ana Raquel Mano Meinerz - Integrante / William Peres - Integrante / Patricia Almeida Ferreira - Integrante., Número de produções C, T & A: 18

  • 2010 - 2012

    Avaliação do uso de extratos vegetais e de adesivos cirúrgicos na terapia de feridas cutâneas e da otite externa(processo 481605/2010-0), Descrição: O processo de cicatrização compreende um dinâmico processo celular e molecular que garante a restauração tissular. Este projeto tem como objetivo geral determinar a eficácia dos extratos vegetais no tratamento da otite externa e na cicatrização de feridas cutâneas e dos adesivos cirúrgicos, como auxiliares no processo cicatricial, determinando alterações metabólicas e carcinogênica a nível sistêmico do uso de ésteres de cianoacrilato. Serão coletadas amostras de alecrim (Rosmarinus officinali L.s) e trigo (Triticum vulgare) para a obtenção dos extratos vegetais. Serão utilizados coelhos Nova Zelândia, para a avaliação da cicatrização de feridas cutâneas tratadas com Triticum vulgare, sendo avaliado tipo de secreção, quantidade de secreção, tecido de granulação e epitelização nos dias 0, 7, 14 e 21, conforme metodologia descrita por Bates-Jensen (2006). O processo cicatricial será classificado em normotrófico e hipertrófico, Também será realizado avaliação tensiométrica verificando a resistência da cicatrização, e análise histologia do tecido cicatricial. Em ratos Wistar será provocada otite externa seguida em parte dos animais experimentais da inoculação de Staphylococcus aureus. Em ambas as otites, infeciosa ou não, a orelha esquerda será tratada, durante sete dias com extrato aquoso e óleo essencial de Rosmarinus officinalis L. e extrato aquoso de Triticum vulgare, e a direita será considerada controle. A avaliação da evolução da otite será realizada com otoscópio e registrada em videotoscópio e também será feito o estudo histopatológico aos 7 e 14 dias, quando os animais serão esutanasiados. Ainda serão avaliados os efeitos tóxicos sistêmicos e teciduais de adesivos cirúrgicos, etil-cianoacrilato e n-butil-cianoacrilato em camundongos Swiss albino, para isto serão realizadas incisões cutâneas seguida de síntese e nos dias zero, 7, 15, 30 e 45 serão coletadas amostras de sangue para avaliação da série branca e vermelha do sangue e para avaliação do metabolismo hepático. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Outra.

  • 2010 - 2012

    Tratamento da otite externa por Staphylococcus aureus com Rosmarinus officinalis e Triticum vulgare, Descrição: Estudos in vivo são necessários para avaliar as propriedades cicatrizantes, antissépticas e antiinflamatórias do Triticum vulgare e do Rosmarinus officinalis nos casos de otite externa, inicialmente em animais de laboratório, buscando resultados satisfatórios potencialmente aplicáveis para as espécies de animais domésticos e para o ser humano. Desta maneira este estudo objetiva determinar a eficácia dos extratos vegetais no tratamento da otite externa em animais experimentais. Serão utilizados ratos Wistar aleatoriamente divididos em seis grupos (A, B, C, D, E e F). Sob anestesia será produzida otite externa experimental em ambas as orelhas dos animais experimentais, sendo aquelas dos grupos A, B e E inoculadas com 0,1mL da suspensão de Staphylococcus aureus e as dos grupos C, D e F com 0,1mL de PBS. Após 24h as orelhas serão avaliadas segundo o escore descrito por Emgard & Hellstrom (1997). O tratamento será realizado uma vez ao dia durante sete dias, sendo que as orelhas direita dos animais dos grupos A e C receberão 0,1mL do extrato aquoso de R. officinalis, as dos grupos B e D 0,1mL do óleo essencial de R. officinalis e as dos grupos E e F 0,1mL de extrato aquoso de T. vulgare. As orelhas esquerdas serão tratadas com 0,1mL de propilenoglicol. Nos dias 1-3-5-7 os animais serão reavaliados segundo o escore de Emgard & Hellstrom (1997). Serão eutanasiados aos 2, 7 e 14 dias, animais de cada grupo para avaliação clínica e histopatológica. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Coordenador., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Auxílio financeiro / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2012

    Avaliação e tratamento de feridas cirúrgicas em cães, Descrição: O processo de cicatrização compreende um dinâmico processo celular e molecular que garante a restauração tissular, onde por quimiotaxia vários fatores de crescimento controlam a deposição da matrix extracelular e a epitelização. Neste projeto serão avaliadas as feridas cirúrgicas de 40 cães, que serão submetidos a uma técnica padrão de ovariosalpingohistectomia onde não será realizada com o propósito do experimento. Estes animais serão divididos aleatoriamente, em quatro grupos, que receberam tratamento com polivinilpirolidona-iodo 10%, clorexidina 0,2%, extrato aquoso de Triticum vulgare (200mg100ml), solução fisiológica 0,9%. Será realizada analise macroscópica durante 10 dias sendo avaliado as medidas da incisão, e realizado um escore com relação à formação de tecido de granulação, epitelização, quantidade e tipo de exsudato e a coaptação dos bordos da incisão com relação a base da ferida cirúrgica. Também será avaliado o tempo de protrombina e contagem de leucócitos totais e avaliação da série vermelha.Em animais experimentais será realizado análise de feridas abertas sem a realização de ovariosalpingohisterectomia e os tratamentos propostos serão clorexidina 0,2%, extrato aquoso de Triticum vulgare (200mg100ml),polivinilpirrolidona-iodo (10%), e solução tópica de Triticum vulgare .A mesma metodologia será utilizada com relação a análise macroscópica e também será avaliada as fases e qualidade da cicatrização através de estudo histopatológico e tensiométrico. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Coordenador., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Auxílio financeiro / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2011

    Comparação entre os adesivos n-butil cianoacrilato, etil-cianoacrilato e fio de náilon monofilamentar na síntese realizada no procedimento de ressecção lateral do conduto auditivo externo, Descrição: Otite externa crônica é caracterizada por um processo inflamatório severo, com mudanças irreversíveis hiperplásicas do canal auditivo e dos tecidos circundantes, mineralização da cartilagem auricular e anular, hiperplasia das glândulas ceruminosas, surgimento de pólipos inflamatórios e neoplasias de origem epitelial. A inflamação crônica e o acúmulo de exsudatos dentro dos condutos eventualmente conduz a ruptura da membrana timpânica ou necrose completa e instalação de otite média. A ressecção da parede lateral do conduto auditivo externo surge como método auxiliar ao tratamento de otites neste estágio, tendo como indicação os casos de otite externa recidivantes após tratamento medicamentoso, casos de pólipos inflamatórios e neoplasias, úlceras do epitélio do conduto e nas otites médias crônicas. A técnica consiste na remoção da parede lateral do conduto auditivo externo, a qual é fletida ventralmente e fixada á pele através de diversos pontos isolados simples, com fio de náilon. A reação tecidual ao fio de náilon é descrita como mínima, devido à sua composição macia. São resistentes à tração e à torção, possuem calibre fino e regular, são macios, flexíveis, pouco elásticos, de fácil esterilização e baixo custo. Por outro lado, os materiais de sutura aumentam o risco de contaminação por favorecerem a aderência de corpos estranhos. A pouca maleabilidade, a possibilidade de traumas em mucosas e pele, o baixo coeficiente de atrito e a instabilidade dos nós dos fios de sutura de nailon os tornam um material com desvantagens significantes quando se trata de coaptação de bordos e feridas que exigem uma cicatriz menos evidente. Como alternativa ao fio de náilon surgem os cianoacrilatos, que são adesivos líquidos, transparentes, com alguma atividade antimicrobiana que quando em contato com superfícies úmidas polimerizam em relativamente pouco tempo (4-15 segundos) estabelecendo o processo adesivo e tornando alguns procedimentos que por padrão envolvem sutura, significativam. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.

  • 2009 - 2010

    Imunoseparação magnética associada a PCR para diagnóstico de leptospirose canina, Descrição: Identificar antígeno de Leptospiras patogências em amostras de urina de cães artificalmente e naturalmente contaminadas para identificação de portadores renais.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (2) . , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Integrante / Sérgio Jorge - Integrante / Eduardo Negri Mueller - Integrante / Claudia Pinho Hartleben Fernandes - Coordenador / Fabrício Rochedo Conceição - Integrante / Fabiana Kommling Seixas - Integrante / Claudiomar Brod - Integrante / Odir Dellagostin - Integrante.

  • 2008 - 2012

    Avaliações pré, trans e pós-cirúrgicas em caninos com tumor mamário: fatores predisponentes, cicatrização e prognóstico após cirurgia/quimioterapia, Descrição: O objetivo geral deste trabalho é identificar e avaliar os neoplasmas mamários em cadelas, relacionando com a cicatrização pós cirúrgica e avaliação de protocolo quimioterápico em carcinomas. Com os seguintes objetivos específicos: Determinar e caracterizar aspectos clínicos e epidemiológicas comuns ligada a cada tipo de tumor mamário em cadelas, Identificando fatores predisponentes desencadeantes, assim como presença de metástases; Realizar a exserese da massa tumoral, com posterior identificação tumoral; Avaliar cicatrização da incisão cirurgia comparada com tipos diferentes de neoplasmas; Estudar protocolos quimioterápicos para carcinoma mamário; Com o resultado da comparação entre tempo de cicatrização pós cirúrgica de diferentes tipos de tumores, firmar prognósticos e tratamentos pós cirúrgicos diferenciados para cada tipo de tumor, prevendo-se um maior ou menor tempo de tratamento; Avaliar atuação de Doxirrubicina, associada com Carboplastina e Ciclofosfamida, na sobrevida de cães portadores de carcinomas mamários; Definir um protocolo adequado para o tratamento de carcinomas mamários o qual deva associar aumento e qualidade de sobrevida para o paciente. Este estudo será centrado dentro de uma realidade na clínica veterinária de pequenos animais, onde a casuística desses tumores tem aumentado e já temos uma linha de pesquisa em Patologia Animal em pleno desenvolvimento da pesquisa em oncologia em pequenos animais, com a realização deste projeto interdisciplinar será possível unir os estudos realizados na área de patologia com os obtidos na clínica e com isto atingir a comunidade, consequentemente com a utilização dos resultados das pesquisas diretamente no dia a dia da Medicina Veterinária. Ao final e no transcorrer do desenvolvimento do projeto espera-se ter implementado o diagnóstico e classificação dos tumores mamários de cães, alertando sobre os fatores predisponentes, assim como estabelecer um prognóstico para os pacientes envolvidos, a partir da avaliaçã. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (19) / Mestrado acadêmico: (4) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Coordenador / Josiane Raposo - Integrante / Patrícia da Silva Nascente Patrícia da Silva Nascente - Integrante / Cristina Gevehr Fernandes - Integrante / Flávio César de Araújo - Integrante / Luis Fernando da Silva - Integrante / Luis Fernando Gaspar - Integrante / Eduardo Negri Mueller - Integrante / michele segatto - Integrante / graziela wilhem - Integrante / Luiz Paiva Carapeto - Integrante / Lucimara Konflanz Bergmann - Integrante / Patricia Lisiane Santos da Silva - Integrante / Joana Jordana Jacomy Silveira - Integrante / Êmille Gedoz Guiot - Integrante / Vanessa Edon Moraes - Integrante / Rafael Siqueira - Integrante / Alexandre Corrêa - Integrante / Bruna Troff Rondini - Integrante / Mariana Teixeira Tillmann - Integrante / Isabel Cristiana Pereira - Integrante / Caroline Simon - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Auxílio financeiro / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa., Número de produções C, T & A: 2

  • 2008 - 2012

    Pesquisa de fungos patogênicos em ambientes de Clínicas, Hospital Veterinário e Pets Shop de Pelotas/RS, Descrição: Os ambientes hospitalares são importantes reservatórios para uma grande variedade de microrganismos que podem ser responsáveis por infecções. Nos últimos anos, as infecções fúngicas adquiriram grande importância devido ao aumento de pacientes imunocomprometidos. A preocupação não deve ser apenas em ambiente hospitalar, mas também onde há um trânsito intenso de animais, como em exposições, pet shops, feiras e canis; pois nestas situações ocorrem à predisposição para o estresse que facilita a instalação de fungos oportunistas, em especial os dermatófitos. Vários estudos têm sido realizados na área de medicina humana com intuito de pesquisar a presença e classificar os agentes no ambiente de hospitais e clínicas, no entanto, na medicina veterinária são raros. O objetivo deste estudo é isolar fungos filamentosos e leveduriformes de clínicas veterinárias, pet shops e Hospital Universitário de Clínicas Veterinária da cidade de Pelotas/RS. Pela escassez deste tipo de estudo em medicina veterinária, espera-se isolar os mesmos microorganismos oportunistas presentes em ambiente hospitalar humano. Desse modo, através dos resultados obtidos despertaria a preocupação nos veterinários de que a infecção hospitalar também poderia estar presente no seu ambiente de trabalho; tendo presente esta possibilidade, procurem, assim, adotar medidas que possam diminuir a contaminação ambiental, preservando a saúde dos seus pacientes. Espera-se que ao final do projeto, após o período de uma nova desinfecção, observe-se diferença no isolamento de fungos, tendo uma boa resposta com a implantação de uma forma eficiente de desinfecção do ambiente, que deverá ser avaliada após uma segunda coleta de material.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (3) / Doutorado: (7) . , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Integrante / Mario Carlos Araújo Meireles - Coordenador / Patrícia da Silva Nascente - Integrante / Helen S Coimbra - Integrante / Tatiana de Ávila Antunes - Integrante / Renata Osório Faria - Integrante / Marlete Brum Cleff - Integrante / Melissa O Xavier - Integrante / Anelise Afonso martins - Integrante / Isabel M Madrid - Integrante / Renata C Schramm - Integrante / Rosema Santin - Integrante / Luiz F Damé Schuch - Integrante / Antonella de Souza Mattei - Integrante / Ana Paula Albano - Integrante / anelise fonseca - Integrante / Luiz Paiva Carapeto - Integrante / Rita Espírito Santo Rodrigues - Integrante / Franklin de Moraes Vaz da Silva - Integrante / Ângela Leitzke Cabana - Integrante / Juliana Sammario Lelling - Integrante / Silvia Ladeira - Integrante.

  • 2008 - 2010

    Estudo da eficácia da moxidectina no tratamento da demodicose e da escabiose canina, Descrição: As sarnas sarcóptica e demodécica caracterizam-se por serem dermatoses bastante comuns em cães. Além de lesões primárias, podem surgir lesões secundárias causadas por bactérias oportunistas. O uso de lactonas macrocíclicas (ivermectina, moxidectina) vêm sendo testado como alternativa de tratamento. O objetivo do trabalho é testar a eficácia do uso de moxidectina em animais com demodicose e escabiose em diferentes graus. Para tanto, serão utilizados cães naturalmente infectados, que terão seu diagnóstico realizado através de exame de raspado de pele e biópsia de pele para exame histopatológico. Serão realizados, ainda, hemograma e exame coproparasitológico. O tratamento será instituído mediante diagnóstico positivo no raspado cutâneo. Será utilizado moxidectina na dose de 0,5 mg/kg, por via oral, a cada 4 dias. Nos casos mais graves será utilizado antibiótico concomitantemente. Espera-se como resultados que o uso da moxidectina e sua associação com antibióticos possuam boa eficácia no tratamento da demodicose e escabiose caninas, levando os animais à cura e remissão prolongada da doença.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (6) / Mestrado acadêmico: (4) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Coordenador / Cristina Gevehr Fernandes - Integrante / Fábio Pereira leivas Leite - Integrante / Eduardo Negri Mueller - Integrante / michele segatto - Integrante / Lucimara Konflanz Bergmann - Integrante / Patricia Lisiane Santos da Silva - Integrante / Joana Jordana Jacomy Silveira - Integrante / Anelize de Oliveira Campello - Integrante / Vanessa Edon Moraes - Integrante / Alexandre Corrêa - Integrante / Mariana Teixeira Tillmann - Integrante / Graziela Wilhelm - Integrante / Isabel Cristiana Pereira - Integrante / Caroline Simon - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Universidade Federal de Pelotas - Bolsa / Universidade Federal de Pelotas - Remuneração / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 1

  • 2008 - 2010

    Avaliação e análise micológica da cavidade oral de cães do Hospital Universitário de Clínicas Veterinária da Universidade Federal de Pelotas (HUCV-UFPel), de clínicas e de canis particulares da cidade de Pelotas-RS, Descrição: A doença periodontal é uma enfermidade que afeta em torno de 70-80% de cães e gatos atendidos na clínica de pequenos animais. O estabelecimento deste distúrbio depende da quantidade de crescimento bacteriano, a proporção de bactérias aeróbicas e anaeróbicas, produtos tóxicos liberados por estas bactérias e a resposta imune do hospedeiro. A microbiota da cavidade oral de cães ainda não está completamente descrita, mas sabe-se que é bastante complexa e diversificada, e que fazem parte dela grande quantidade de bactérias e algumas leveduras. Devido aos poucos estudos relacionando o estado clínico da cavidade oral de cães e as leveduras isoladas deste local, o objetivo deste trabalho é isolar e identificar a microbiota oral fúngica de cães, assim como relacionar a presença das leveduras encontradas na mucosa bucal e no biofilme dental com a doença periodontal de cães. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Mestrado acadêmico: (4) / Doutorado: (6) . , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Integrante / Mario Carlos Araújo Meireles - Coordenador / Patrícia da Silva Nascente - Integrante / Renata Osório Faria - Integrante / Marlete Brum Cleff - Integrante / Melissa O Xavier - Integrante / Anelise Afonso martins - Integrante / isabel Martins Madrid - Integrante / Tatiana de Ávila Antunes - Integrante / Rosema Santin - Integrante / Luiz F Damé Schuch - Integrante / Antonella de Souza Mattei - Integrante / Eduardo Negri Mueller - Integrante / Ana Paula Albano - Integrante / anelise fonseca - Integrante / Luiz Paiva Carapeto - Integrante / Rafael Guerra Lund - Integrante / Franklin de Moraes Vaz da Silva - Integrante / Ângela Leitzke Cabana - Integrante / Juliana Sammario Lelling - Integrante.

  • 2008 - 2010

    Tratamento auxiliar à otite externa crônica através da técnica cirúrgica de ressecção da parede lateral do conduto auditivo externo, Descrição: O objetivo deste trabalho é tratar e acompanhar os casos de otite externa crônica estenosante e/ou recorrente através da técnica de ressecção da parede lateral do conduto auditivo externo. Os objetivos específicos incluem a avaliação do tratamento cirúrgico proposto quanto à melhora ou cura do quadro de otite;avaliar a ocorrência de resistência e sensibilidades ?in vitro? e ?in vivo? dos microrganismos associados à otite externa crônica e/ou média;estudar a ocorrência de tumores nos condutos auditivos externos associados à otite externa crônica e/ou média; correlacionar o aspecto macroscópico e resultado histopatológico dos tumores encontrados com o tipo de otite existente; testar o efeito da corticoideterapia intralesional nas otites hiperplásicas ou estenosantes como auxiliar ao procedimento cirúrgico posteriormente empregado;relatar quais complicações são mais freqüentemente observadas associadas ao procedimento cirúrgico proposto. Serão avaliados cães que chegarem para atendimento no Hospital de Clínicas Veterinária que apresentarem quadro de otite externa purulenta há um ano ou mais. Os pacientes passarão por exame clínico geral, seguido de exame clínico e físico (otoscopia) específicos do conduto auditivo externo, coleta de material do (s) conduto(s) auditivo(s) com swab estéril para realização de citologia, cultura fúngica, bacteriana e antibiograma. Os pacientes serão submetidos ao procedimento cirúrgico de ressecção da parede lateral do conduto auditivo externo, sendo posteriormente acompanhados mensalmente por um período de 90 dias, durante o qual serão repetidos os exames de hemograma, citologia, cultura fúngica, bacteriana e antibiograma em cada reavaliação e assim, avaliar clinicamente o efeito do tratamento proposto.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (3) / Doutorado: (4) . , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Coordenador / Mario Carlos Araújo Meireles - Integrante / Tatiana de Ávila Antunes - Integrante / Cristina Gevehr Fernandes - Integrante / Renata C Schramm - Integrante / Rosema Santin - Integrante / Flávio César de Araújo - Integrante / Eduardo Negri Mueller - Integrante / m f rodrigues - Integrante / Luis Filipe Damé Schuch - Integrante / Lucimara Konflanz Bergmann - Integrante / Joana Jordana Jacomy Silveira - Integrante / Êmille Gedoz Guiot - Integrante / Isabel Cristina Pereira - Integrante / Mônica G Lemos - Integrante / Anelize de Oliveira Campello - Integrante / Rafael Siqueira - Integrante / Alexandre Corrêa - Integrante / Mariana Teixeira Tillmann - Integrante / Graziela Wilhelm - Integrante / Josaine Cristina da Silva Rappetti - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Auxílio financeiro.

  • 2007 - 2011

    Avaliação do uso do imunomodulador 1-3 glucana associado ao Itraconazol na esporotricose experimental em modelo murino, Descrição: A esporotricose é uma micose subcutânea de evolução subaguda ou crônica, causada pelo fungo dimórfico S. schenckii afetando o homem e uma grande variedade de animais domésticos. Em felinos domésticos esta enfermidade apresenta grande importância devido a gravidade das lesões e dificuldade no tratamento. Tendo em vista que a resposta imune do hospedeiro é um dos fatores que influencia no desencadeamento da doença, e que o Itraconazol, antifúngico de eleição para tratamento tem apresentado falhas terapêuticas, o objetivo do trabalho será avaliar a eficácia do uso do imunomodulador 1-3 glucana no tratamento da esporotricose cutânea experimental, e seu uso associado ao itraconazol. Serão utilizados 100 ratos wistar divididos em quatro grupos: grupo controle que receberá somente placebo; grupo tratado com Itraconazol; grupo tratado com Glucana; grupo tratado com associação do antifúngico ao imunomodulador. Todos os animais serão avaliados semanalmente quanto a evolução clínica da micose, e ao final de 45 dias serão necropsiados para avaliação anátomo-patológica, histopatológica e retroisolamento do agente. Espera-se ao final do experimento que a associação do imunomodulador ao antifúngico possa proporcionar a redução e cura clínica mais eficaz da esporotricose experimental, sugerindo que sua aplicação na clínica de pequenos animais contribua para diminuição do tempo de tratamento e dos casos de recidivas da micose.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Integrante / Mario Carlos Araújo Meireles - Coordenador / Patrícia da Silva Nascente - Integrante / Cristina Grevehr Fernandes - Integrante / Laerte Ferreiro - Integrante / Ana Raquel Mano Meinerz - Integrante / Renata Osório Faria - Integrante / Marlete Brum Cleff - Integrante / Melissa O Xavier - Integrante / Anelise Afonso martins - Integrante / Tatiana de Ávila Antunes - Integrante / Antonella Mattei - Integrante / Luiza Osório - Integrante / Rosema Santin - Integrante / Luiz F Damé Schuch - Integrante / Eduardo Negri Mueller - Integrante / Ana Paula Albano - Integrante / anelise fonseca - Integrante / Isabel Martins Madrid - Integrante / Ana Lúcia Schild - Integrante / Franklin de Moraes Vaz da Silva - Integrante / Ângela Leitzke Cabana - Integrante.

  • 2007 - 2009

    Avaliação e tratamento da otite externa canina, Descrição: Serão avaliados pacientes caninos (n=100) do HCV/UFPel e de clínicas veterinárias da cidade de Pelotas/RS, que apresentem pelo menos três dos seguintes sinais clínicos de otite externa: eritema, edema, estenose, descamação, sensibilidade, prurido, alopecia, secreção/exsudato (ceruminosa ou purulenta), odor fétido, úlceras e agitação da cabeça. Os cães serão submetidos há exame clínico geral, otológico, temperatura do conduto auditivo e perfil hematológico. De cada conduto autidivo externo de todos os pacientes serão coletadas três amostras de secreção com swab estéril, que serão encaminhados para citologia, cultura fúngica e bacteriana e testado a sensibilidade e resistência dos isolados bacterionos frente aos antibióticos (amoxacilina, amoxacilina com ácido clavulânico, ampicilina, cefalotina, cefalexina, gentamicina, neomicina, norfloxacina e tobramicina). As otites serão classificadas em ceruminosas/eczematosa (grupo A) e purulentas (grupo B). Os pacientes do grupo A serão divididos em dois grupos aleatórios, o grupo A1 será tratado com ceruminolítico na primeira semana e a partir da segunda semana continuará o uso de ceruminolítico em dias alternados uma vez ao dia e niciará o tratamento associado a solução otológica (antibi'tico, antinflamatório e antifúngico e o grupo A2 os pacientes serão tratados somente com apenas solução otológica descritaa anteriormente, não utilizando ceruminolítico. Os pacientes com otite externa purulenta (grupo B) serão também classificados aleatoriamente em dois grupos. O grupo B1 receberá procedimento de lavagem do ouvido externo, antibióticos local e sistêmico de acordo com o antibiograma e o grupo B2 receberá antibióticos local e sistêmico de acordo com antibiograma, sem utilização da lavagem otológica. Todos os animais serão reavaliados clínica e otilogicamente aos 15-30-45 e 60 dias de tratamento quanto serão também repetidos os exames citológico e cultura. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Mestrado acadêmico: (3) / Doutorado: (3) . , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Coordenador / Renata Schramm - Integrante / Patrícia da Silva Nascente - Integrante / Mário Carlos Araújo Meireles - Integrante / Tatiana de Ávila Antunes - Integrante / Anelise Afonso martins - Integrante / Isabel Madrid - Integrante / Rosema Santin - Integrante / Mariana Tillman - Integrante / Eduardo Negri Mueller - Integrante / t n guim - Integrante / Lucimara Konflanz Bergmann - Integrante / Joana Jordana Jacomy Silveira - Integrante / Êmille Gedoz Guiot - Integrante / Fábio da Silva e Silva - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Auxílio financeiro / Universidade Federal de Pelotas - Remuneração / Universidade Federal de Pelotas - Bolsa., Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 2

  • 2006 - 2012

    Avaliação da terapia com fluconazol associado a 1-3 glucana na criptococose experimental, Descrição: A Criptococose é uma enfermidade micótica sistêmica que acomete os homens, animais domésticos e silvestres. O estabelecimento e a disseminação da infecção são altamente dependentes da imunidade do hospedeiro suscetível, sendo que indivíduos imunossuprimidos são mais suscetíveis . Dentre as micoses sistêmicas, a criptococose se destaca pela dificuldade no tratamento, gravidade e alta mortalidade. Em Medicina Veterinária, é reconhecida como a micose sistêmica de maior ocorrência na clínica de felinos, especialmente em animais com enfermidades imunodepressivas, como a Leucemia Felina (FelV) e a Síndrome da Imunodeficiência Felina (FIV). Com isto, esse estudo visa avaliar o efeito do imunomodulador 1-3 glucana associado ao fluconazol no tratamento da criptococose experimental sistêmica. Espera-se que o imunomodulador melhore a resposta imune do hospedeiro e em associação ao fluconazol, proporcione a redução do tempo de tratamento e melhora as perspectivas de cura clínica para criptococose sistêmica experimental em ratos.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Integrante / Patrícia da Silva Nascente - Integrante / Cristina Grevehr Fernandes - Integrante / Mario Carlos Arújo Meireles - Coordenador / Ana Raquel Mano Meinerz - Integrante / Renata Osório Faria - Integrante / Marlete Brum Cleff - Integrante / Lorena Leonardo Souza - Integrante / Melissa O Xavier - Integrante / Isabel M Madrid - Integrante / Tatiana de Ávila Antunes - Integrante / Antonella Mattei - Integrante / Luiza Osório - Integrante / Rosema Santin - Integrante / Luiz F Damé Schuch - Integrante / Ana Paula Albano - Integrante / anelise fonseca - Integrante / margarida buss raffi - Integrante / Anelise Afonso Martins - Integrante / Franklin de Moraes Vaz da Silva - Integrante / Ângela Leitzke Cabana - Integrante.

  • 2006 - 2010

    Avaliação da capacidade imunogênica de células leveduriformes de Sporothrix schenckii inativadas em modelo murino, Descrição: Estudar e avaliar a capacidade imunogênica de células leveduriformes de Sporothrix schenckii (Cepa SMIC- 116 ? Micoteca ? Faculdade de veterinária ? UFPel) inativadas em modelo murino. Determinar a capacidade imunogênica de células leveduriformes de Sporothrix schenckii inativadas, por meio de imunoprofilaxia e imunoterapia, na prevenção e tratamento da esporotricose cutânea em modelo murino; Avaliar a evolução da esporotricose experimental em ratos norvergicus albinos wistar após utilização do imunoprofilático e após uso do imunoterápico; Estudar a resposta imunológica humoral dos animais experimentais após aplicação do imunoprofilático e imunoterápico. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Integrante / Mario Carlos Araújo Meireles - Coordenador / Cristina Grevehr Fernandes - Integrante / Laerte Ferreiro - Integrante / Tatiana de Ávila Antunes - Integrante / Ana Raquel Mano Meinerz - Integrante / Patricia da Silva Nascente - Integrante / Renata Osório Faria - Integrante / Marlete Brum Cleff - Integrante / Thomaz Lucia Junior - Integrante / Melissa O Xavier - Integrante / Anelise Afonso martins - Integrante / isabel Martins Madrid - Integrante / Antonella Mattei - Integrante / Luiza Osório - Integrante / Rosema Santin - Integrante / Eduardo Negri Mueller - Integrante / cristiane brum - Integrante / anelise fonseca - Integrante / Ana Lúcia Schild - Integrante / Telmo Vidor - Integrante.

  • 2006 - 2010

    Avaliação da atividade antifúngica do Origanum vulgare L. frente leveduras do gênero Candida, Descrição: Avaliar a atividade antifúngica de extratos de Origanum vulgare L. sobre leveduras do gênero Candida; obter extratos e óleos essenciais, utilizando técnicas de extração com uso de solventes orgânicos e aparelho clevenger; caracterizar e identificar os constituintes das amostras de óleo extraído e dos extratos via cromatografia gasosa, através da comparação com o tempo de retenção de padrões; estabelecer o CIM dos extratos frente a amostras de Candida spp; avaliar o efeito terapêutico de extratos selecionados de O. vulgare em modelo experimental. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Integrante / Mario Carlos Araújo Meireles - Coordenador / Patrícia da Silva Nascente - Integrante / Tatiana de Ávila Antunes - Integrante / Renata Osório Faria - Integrante / Marlete Brum Cleff - Integrante / Melissa O Xavier - Integrante / Anelise Afonso martins - Integrante / isabel Martins Madrid - Integrante / João R B Mello - Integrante / Raquel mano Meinerz - Integrante / Helen silveira Coimbra - Integrante / Luiza Osório - Integrante / Rosema Santin - Integrante / Luiz F Damé Schuch - Integrante / Antonella de Souza Mattei - Integrante / cristiane brum - Integrante / anelise fonseca - Integrante / margarida buss raffi - Integrante / Ana Lúcia Schild - Integrante / Maria Regina Alves Rodrigues - Integrante.

  • 2006 - 2008

    Pesquisa de hemoparasitas (Erlichia canis e Babesia canis) em cães atendidos no hospital de clínicas veterinária da Universidade Federal de Pelotas, Descrição: A erliquiose é uma doença riquetsial transmitida por carrapatos relativamente comum em cães. A maior parte das informações disponíveis em cães é relativa à infecção com Ehrlichia canis, agente que causa o quadro clínico mais severo em animais dessa espécie. O vetor e reservatório da Ehrlichia canis é o carrapato Rhipicephalus sanguineus. O diagnostico é realizado através da detecção de mórulas no citoplasma de monócitos, linfócitos e eosinófilos de amostras de sangue periférico corado pelo Giemsa. Por ser um método limitado de diagnóstico, outros métodos de dA babesiose é uma doença protozoariana originária de carrapatos, endêmica no Brasil, que afeta hemácias de cães (Babesia canis). Diagnósticos podem ser feitos através da detecção de anticorpos por Imunofluorescência ou ?dot-Elisa?. O objetivo do projeto é pesquisar a presença de Ehrlichia canis e Babesia canis no sangue de cães atendidos no Hospital de Clínicas Veterinárias (Faculdade de Veterinária) da Universidade Federal de Pelotas. Será realizado uma resenha dos animais atendidos no HCV da UFPEL, incluindo dados como idade, sexo, raça e suspeita clínica, sendo realizado após o exame clínico colheita de sangue para a reallização de hemograma e pesquisa de hemoaparasitas, também será realizado PCR para a pesquisa da Erlichia canis. Os resultados serão submetidos a análise estatística. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Especialização: (1) . , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Coordenador / Helen silveira Coimbra - Integrante / Luiz F Damé Schuch - Integrante / Eduardo Negri Mueller - Integrante / Rose K. Correa - Integrante / Vanessa Martins Bulling - Integrante / Simone - Integrante / michele - Integrante / Anelize de Oliveira Campello - Integrante., Financiador(es): Universidade Federal de Pelotas - Remuneração / Universidade Federal de Pelotas - Bolsa., Número de produções C, T & A: 3

  • 2005 - 2010

    Sporothrix schenckii: importância da melanina na patogenicidade in vivo e relação com o perfil molecular e sensibilidade a antifúngicos, Descrição: A esporotricose é uma zoonose causada pelo fungo Sporothrix schenckii com ocorrência frequente em regiões de clima tropical, sub-tropical e temperada, acomentendo tanto os homens como os animais. Nos últimos anos tem sido observado um aumento da ocorrência da micose, em grande parte associada a transmissão por gatos domésticos. Vários aspectos da esporotricose ainda precisam ser esclarecidos para que se tenha uma comprensão dos fatores que interferem na relação hospedeiro x parasita, nesta enfermidade. Este projeto objetiva, por intermédio de uma equipe multidisciplinar, avaliar a resposta imune através da imunohistoquimica, procurando determinar as células envolvidas (componentes da resposta) na resposta local montada pelo hospedeiro, e relacionar aspéctos moleculares do agente, utilizando a técnica de RAPD, que permitam estabelecer a importância de fatores de patogenicidade e virulência do fungo, especialmente relacionados com a expressão do pigmento melanina por algumas cepas, assim como estudar a presença da resistência a antifúngicos. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (6) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Integrante / Patrícia da Silva Nascente - Integrante / Laerte Ferreiro - Integrante / Helen S Coimbra - Integrante / Mário Carlos Araújo Meireles - Coordenador / Lorene Leonardo de Souza - Integrante / Ana Raquel Mano Meinerz - Integrante / Marlete Brum Cleff - Integrante / Cristina Gevehr Fernandes - Integrante / Anelise Afonso martins - Integrante / Dilma T Caetano - Integrante / isabel Martins Madrid - Integrante / Cristiano da Silva Rosa - Integrante / Luiz Filipi Damé Schuch - Integrante / Melissa Orvechowski Xavier - Integrante / Flávia Biasol de Araújo Sória - Integrante / Sydney Hartz Alves - Integrante / Luciana Prestes - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Universidade Federal de Pelotas - Auxílio financeiro / Universidade Federal de Pelotas - Remuneração., Número de produções C, T & A: 17 / Número de orientações: 1

  • 2005 - 2007

    Presença de fungos em ambientes ambulatoriais e hospitalares e sua relação com infecção hospitalar, Descrição: Nos últimos anos os fungos tem tido grande importância no desenvolvimento de infecções hospitalares O objetivo deste trabalho é avaliar a presença de fungos em ambientes ambulatoriais e hospitalares humanos e animais de pequeno porte, e identificar os fungos isolados. Serão estudadas amostras do ambiente e de superfície como mesas, macas, maçanetas, pia, torneira, etc. As amostras ambientais serão obtidas pela técnica de sedimentação, utilizando placas de Petri contendo meio seletivo para crescimento fúngico, ágar Sabouraud dextrose acrescido de clorafenicol, sendo utilizadas duas placas para cada três metros quadrados de área física. As placas de Petri contendo meio de cultivo serão mantidas abertas por quinze minutos em cada um dos ambientes estudados e, as amostras de superfície, serão colhidas com zaragatoa estéril umedecida em solução salina também estéril. Estas amostras serão cultivadas em placas contendo ágar Sabouraud dextrose acrescido de clorafenicol, utilizando a técnica do esgotamento.Todas as amostras serão incubadas a 28°C durante sete dias, quando serão avaliadas as características macro e micromorfológicas (exame direto entre lâmina e lamínula), e pela técnica de microcultivo, utilizando lactofenol azul de algodão para observação das estruturas de reprodução assexuada. Também serão realizados testes bioquímicos e nutricionais para a classificação dos isolados, quando necessário. Em casos de infecção fungica adquirida em ambiente ambulatorial ou hospitalar serão colhidas e processadas amostras clínicas. Os resultados obtidos permitirão o conhecimento da população de fungos existentesnos ambientes estudados, relacionando com seu potencial patogênico. Os resultados também servirão como um indicador de contaminação alertando para a necessidade de medidas de higiene, antissepsia e desinfecção adequadas.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (3) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Coordenador / Helen Coimbra - Integrante / Mário Carlos Araújo Meireles - Integrante / Marlete cleff - Integrante / Ana Raquel Mano Meinerz - Integrante / Renata Osório de Faria - Integrante / Melissa Xavier - Integrante / Isabel M Madrid - Integrante / Renata Fagundes - Integrante / Juliana Zilmer - Integrante / Renata Dias - Integrante / Andréa Dias - Integrante / Anelise A martins - Integrante / Juciane Johann - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Universidade Federal de Pelotas - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 2

  • 2004 - 2007

    Avaliação da atividade in vivo e in vitro da terbinafina e itraconazol frente ao Sporothrix Schenckii, Descrição: Determinar a sensibilidade in vitro dos antifúngicos terbinafina e itracozanol frente a cepasde S. schenckii e a atividade in vivo destes antifúngicos no tratamento da esporotricose sistêmica experimental. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Integrante / Mario Carlos Araújo Meireles - Coordenador / Tatiana de Ávila Antunes - Integrante / Ana Raquel Mano Meinerz - Integrante / Patricia da Silva Nascente - Integrante / Lorena Leonardo Souza - Integrante / Melissa O Xavier - Integrante / isabel Martins Madrid - Integrante / João Roberto de Braga Mello - Integrante / Flávia B de Araújo Sória - Integrante / Anelise A martins - Integrante / Luiz F Damé Schuch - Integrante.

  • 2004 - 2006

    Estudo das espécies do gênero Malassezia no tegumento de felinos, Descrição: O variado número de afecções que acometem o sistema tegumentar de pequenos animais fazem com que as pesquisas nesta área seja de grande importância para que, cada vez mais, obtenham-se diagnósticos precisos. O crescente número de diagnósticos nos casos de Malasseziose, refere-se sempre a única espécie não-lipodependente (Malassezia pachydermatis), deixando-se de diagnosticar prováveis afecções causadas pelas demais espécies lipodependentes (M. furfur, M. obtusa, M. globosa, M. sloofiae, M. sympodialis e M. restricta). Esta caracteristica permite que a M. pachydermatis seja a única dentre as sete espécies conhecidas que cresce em meio de cultura ágar Sabouraud dextrose sem adição de fontes lipídicas. O trabalho consistirá no levantamento de todas as espécies de Malassezia no tegumento de felinos hígidos ou com dermatites e otites, identificando-se a presença e frequência destas. Os materiais que serão cultivados em ágar Sabouraud dextrose, com ou sem suplementação de lípideos, serão coletados através de swabs estéreis e carpetes, do conteúdo auditivo externo e tórax, respectivamentes. A identificação se dará através do aspecto das culturas, testes bioquímicos e repique em meios específicos com adição de Tweens.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Integrante / Patrícia da Silva Nascente - Integrante / Mário Carlos Araújo Meireles - Coordenador / Tatiana de Avila Antunes - Integrante / Melissa O Xavier - Integrante / Anelise Afonso martins - Integrante / isabel Martins Madrid - Integrante / Cristiano da Silva Rosa - Integrante / Flávia Biasol de Araújo Sória - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Universidade Federal de Pelotas - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul - Bolsa.

  • 2004 - 2006

    Aspergilose em pingüins: isolamento e identificação de fungos do gênero Aspergillus spp do Centro de Recuperação de Animais Marinhos (CRAM) do Museu Oceanográfico da Fundação Universidade Federal do Rio Grande do Sul (FURG), Descrição: A aspergilose é uma micose que raramente ocorre como doença primária em indivíduos normais, sendo considerada oportunista por natureza. A aspergilose é causada por diferentes espécies do gênero Aspergillus, sendo o A. fumigattus o mais patogênico. Os fungos deste gênero são os mais comuns de todo o ambiente, sendo encontrados na água, ar e solo. A aspergilose é comum em aves aquáticas, e freqüentemente apresentam morte aguda, com pouco ou nenhum sinal clínico. Quando presentes, os sinais clínicos em pingüins, são: inapetência, diarréia, tosse curta e úmida, mudança na vocalização, queda unilateral das asas, e principalmente dispnéia. O centro de Recuperação de Animais Marinhos (CRAM) do Museu oceanográfico de Rio Grande/RS (Brasil) recebe anualmente para reabilitação, centenas de pingüins, principalmente pingüim de Magalhães (Spheniscus magellanicus) cobertos de petróleo e muito debilitados. Infelizmente, muitos não resistem e morrem. Sabendo que a aspergilose corresponde a uma alta taxa de letalidade destas aves marinhas em cativeiro, este trabalho objetiva isolar e identificar fungos do gênero Aspergillus, deste centro, e desenvolver medidas de controle ambientais preventivas. Será utilizada a técnica de plaqueamento para colheita das amostras, as quais serão incubadas a 25°C por 10 dias para serem analisadas macro e micromorfologicamente, classificando a espécie. O controle microbiológico será previsto para o segundo ano do experimento, a partir do uso de desinfetantes ambientais e a investigação da micose será realizada durante todo o período do experimento, através da necropsia dos animais que morrerem, juntamente com o isolamento e classificação do agente etiológico.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Integrante / Patrícia da Silva Nascente - Integrante / Lorena leonardo de Souza - Integrante / Mário Carlos Araújo Meireles - Coordenador / Melissa Orvechowski Xavier - Integrante / Flávia Biasol de Araújo Sória - Integrante / Rodolfo Pinho da Silva Pinto - Integrante., Financiador(es): Centro de Recuperação de Animais Marinhos - Cooperação / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Universidade Federal do Rio Grande - Cooperação / Universidade Federal de Pelotas - Auxílio financeiro.

  • 2002 - 2004

    Isolamento e identificação de leveduras da microbiota vaginal de cadelas nas diferentes fases do ciclo estral, Descrição: Problema de saúde pública devido a diversos fatores como o uso intensivo de drogas antibacteriansa e munossupressoras, a aglomeração de animais, estresse, etc. Indivíduos com microbiota alterada ou com mecanismos de defesa comprometidos são mais propensos a desenvolver infecções por fungos oportunistas, dentre estes algumas leveduras despontam como importantes agentes etiológicos, como, por exemplo, as do gênero Candida spp. e Malassezia spp. , resultando em grandes desafios para o diagnóstico das infecções micóticas emergentes. Tendo como objetivo investigar a presença de leveduras na microflora vaginal de cadelas em idade reprodutiva, verificando uma possível correlaçao com a fase do ciclo estral, já que durante as diferentes fases do ciclo o epitélio vaginal passa por inúmeras alterações mediadas, principalmente por hormônios o que influenciaria no desenvolvimento fúngico e também porque o cio representa uma etapa de estresse na vida das fêmeas ocasionando uma baixa na imunidade o que facilitaria a proliferação de fungos oportunistas. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Integrante / Marlete Brum Cleff - Integrante / Patrícia da Silva Nascente - Integrante / Mário Carlos Araújo Meireles - Coordenador / Renata Osóio de Faria - Integrante / Tatiana de Ávila Antunes - Integrante / Flávia Biasol de Araújo Sória - Integrante / Alzira Conceição Pacheco de Lima - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul - Bolsa / Universidade Federal de Pelotas - Auxílio financeiro / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa., Número de produções C, T & A: 4

  • 2001 - 2004

    Estudo da patogenicidade de diferentes cepas de Sporothrix schenckii, Descrição: A esporotricose é uma doença fúngica subcutânea, causada pelo fungo Sporothrix schenckii, que acomete humanos e animais. Os principais sinais clínicos são nódulos, ulcerações, linfangite ascendente, presença de crostas e exudato vermelho escuro. O S. schenckii é um fungo dimórfico, geofílico, encontrado em árvores e arbustos e a inoculação ocorre normalmente através de ferimentos. Nos últimos anos o relato de casos de esporotricose humana envolvendo felinos domésticos tem aumentado. O presente trabalho têm como objetivos estudar diferentes cepas de S. schenckii, a fim de determinar diferenças de patogenicidade, observar se a forma do inóculo, leveduriforme ou filamentoso interfere no quadro clínico e ainda produzir e inocular mutantes albinos comparando-os com cepa de origem selvagem. Atualmente sabe-se que os conídios do S. schenckii produzem melanina via DHN (dihidroxinaftaleno) e estudos com outros fungos pigmentados tem demonstrado que a melanina protege contra a fagocitose dos macrofágos e de agentes oxidantes, tambem foi demonstrada a produção de anticorpos, por camundongos, contra melanina DOPA, porém em relação a melanina do S. schenkii os estudos são insipientes e especialmente quando se trata de modelo experimental. Espera-se, com este estudo, demonstrar a diferença de patogenicidade, de cepas, pelo quadro clínico mais ou menos severo na inoculação experimental; também espera-se não haver diferença no desenvolvimento da doença, seja pela forma filamentosa, adquirida normalmente de espinhos e plantas, da forma leveduriforme proveniente, principalmente de gatos enfermos. Finalmente queremos demonstrar que cepas mais pigmentadas são mais patogênicas, demonstrando na inoculação experimental um quadro clínico mais severo nos animais inoculados com as cepas selvagen. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Integrante / Patrícia da Silva Nascente - Integrante / Lorena leonardo de Souza - Integrante / Laerte Ferreiro - Integrante / Mário Carlos Araújo Meireles - Coordenador / Renata Osóio de Faria - Integrante / Anelise Afonso martins - Integrante / Isabel M Madrid - Integrante / Tatiana de Ávila Antunes - Integrante / Flávia B de Araújo Sória - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro / Universidade Federal de Pelotas - Remuneração / Universidade Federal de Pelotas - Bolsa / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.

  • 2001 - 2004

    Ocorrência de Cryptococcus na região sul do Rio Grande do Sul, Descrição: O Cryptococcus neoformans, agente causador da criptococose, é fungo leveduriforme, sapróbio e ubíquo, que está frequentemente associado a gotículas e sujeiras acumuladas em poleiros de pombos. O estabelecimento e a disseminação da infecção são altamente dependentes da imunidade do hospedeiro. No gato, a infecção criptocócica foi quase sempre vista em associação às infecções pelo Virus da Leucemia Felina (FeLV) ou pelo Virus da Imunodeficiência Felina (FIV) (Scott, 1996). Têm sido descritos muitos casos de criptococose em humanos imunocomprometidos, principalmente em individuos com Síndrome da Imunodeficiência Adquirida (AIDS) (Edelweiss et al., 1995; Rozenbaum & Rios-Gonçalves, 1994). A criptococose é uma micose que tem se tornado importante em saúde pública, portanto é necessário pesquisar a presença do agente nas prováveis fontes de infecção na Região Sul do estado do RS. Portanto esta investigação tem como objetivos pesquisar a frequência do Cryptococcus neoformans variedade neoformans em fezes de pombos (Columba livia); pesquisar a presença de Cryptococcus neoformans variedade gatti em eucaliptos; determinar a frequência da enfermidade causada pelo Cryptococcus neoformans em felinos domésticos. Situação: Em Andamento Natureza: Pesquisa. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Integrante / Patrícia da Silva Nascente - Integrante / Mário Carlos Araújo Meireles - Coordenador / Tatiana de Ávila Antunes - Integrante / Ana Raquel Mano Meinerz - Integrante / Marlete Brum Cleff - Integrante / Renata Osório de Faria - Integrante / Alzira Conceição Pacheco de Lima - Integrante / Melissa de O Xavier - Integrante / Flávia B de Araújo Sória - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Universidade Federal de Pelotas - Auxílio financeiro.

  • 2001 - 2003

    Estudo da população de espécies de Malassezia em otites e dermatites de cães e gatos e teste da sensibilidade in vitro frente ao cetoconazol, fluconazol e itraconazol, Descrição: O variado número de afecções que acometem o sistema tegumentar de pequenos animais, fazem com que as investigações científicas nesta área sejam de grande importância e impressindíveis, especialmente no que diz respeito a epidemiologia controle e tratamento dos problemas relacionados com microrganismos como fungos, bactécrias e as afecções mistas. A diversidade microbiológica dos problemas relacionados com o sistema tegumentar dos pequenos animais como cães e gatos sussita constantemente a que se obtenha diagnósticos precisos para um procedimento terapêutico específico e eficiente no controle do problema. Este trabalho tem como objetivo acompanhar todo o processo de diagnóstico de otites e dermatites em cães e gatos, desde a colheita do material para o diagnóstico, isolamento e identificação da levedura determinante da Malasseziose até a indicação terapeútica correta mediante um monitoramento prévio através de antifungigramas. Comparação do perfil proteico das amostras de leveduras isoladas e biotipadas, as quais serão também classificadas através do método de PCR... , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Integrante / Patrícia da Silva Nascente - Integrante / Lorena leonardo de Souza - Integrante / Mário Carlos Araújo Meireles - Coordenador / Ana Raquel Meinerz - Integrante / Melissa O Xavier - Integrante / Flávia Biasoli de A Sória - Integrante / João Roberto de Braga Mello - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul - Auxílio financeiro / Universidade Federal de Pelotas - Auxílio financeiro / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 1997 - 1998

    Aflatoxicose aguda e crônica em suínos, Descrição: Os animais criados em confinamento ou semi-confinamento recebem como alimentos uma dieta rica em cereais ou rações comerciais. O suíno é um animal bastante sensível à aflatoxina (Sweiler, 1992), assim, dietas contaminadas representam grandes prejuízos econômicos, tanto na intoxicação aguda, que leva a óbito um grande número de animais, quanto na intoxicação crônica, que levará a uma diminuição da produtividade dos animais. Portanto este trabalho tem como objetivos estudar o efeito das aflatoxinas na intoxicação aguda de leitões em crescimento, através do monitoramento das alterações enzimáticas; também será avaliado o desenpenho dos suinos em diferentes categorias, frente à intoxicação crônica pelas aflatoxinas.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Integrante / Clauz Liebsh - Integrante / Patrícia da Silva Nascente - Integrante / Lorena leonardo de Souza - Integrante / Mário Carlos Araújo Meireles - Coordenador / Janio Santúrio - Integrante / Carlos Mallman - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro / Universidade Federal de Pelotas - Auxílio financeiro.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de desenvolvimento

  • 2016 - Atual

    Ensaio clínico da atividade cicatricial de extrato vegetal para o tratamento de lesões cutâneas em pequenos animais, Descrição: O presente projeto tem como objetivo avaliar a ação cicatrizante de um produto experimental a base de extratos vegetal. Serão acompanhados casos de lesões cutâneas abertas em pequenos animais atendidos no hospital de clínicas veterinárias ? UFPel. Os animais receberão o atendimento básico necessário, como anamnese, exame clínico geral e exames complementares, para cada caso. Estabelecendo as diretrizes do tratamento geral de cada caso, os pacientes receberão quando necessário tratamento anti-inflamatório e de analgesia. As lesões cutâneas serão limpas com solução fisiológica. Os animais serão divididos em quatro grupos dos respectivos tratamento, produto cicatrizante amplamente utilizado na rotina veterinária, produto a base do extrato vegetal LCEO302 e produto a base de LCEO 302 e LCEA 201 com e sem conservantes. Logo se dará início ao tratamento com aplicação diária do tratamento proposto, de forma que cubra toda a superfície da lesão e confecção de curativo. Serão realizadas avaliações clínicas quanto a presença/ausência de exsudato, crosta e epitelização. O processo cicatricial também será classificado em normotrófico ou hipertrófico após a completa epitelização. Além disso será efetuado registro fotográfico das lesões para determinar a área da lesão em mm2. Estás avaliações serão executadas duas vezes por semana, até a total reepitelização do tecido cutâneo.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (4) Graduação: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Coordenador / Marcos Anciuti - Integrante / Mariana Teixeira Tillmann - Integrante / Sabrina de Oliveira Capella - Integrante / Rogério Antonio Freitag - Integrante / Cristina Gevehr Fernandes - Integrante / Renato Vianna - Integrante / Fabio Classen Chaves - Integrante.

  • 2016 - Atual

    Ensaio clínico da atividade cicatricial de extrato vegetal para o tratamento de lesões cutâneas em pequenos animais, Descrição: O presente projeto tem como objetivo avaliar a ação cicatrizante de um produto experimental a base de extratos vegetal. Serão acompanhados casos de lesões cutâneas abertas em pequenos animais atendidos no hospital de clínicas veterinárias ? UFPel. Os animais receberão o atendimento básico necessário, como anamnese, exame clínico geral e exames complementares, para cada caso. Estabelecendo as diretrizes do tratamento geral de cada caso, os pacientes receberão quando necessário tratamento anti-inflamatório e de analgesia. As lesões cutâneas serão limpas com solução fisiológica. Os animais serão divididos em quatro grupos dos respectivos tratamento, produto cicatrizante amplamente utilizado na rotina veterinária, produto a base do extrato vegetal LCEO302 e produto a base de LCEO 302 e LCEA 201 com e sem conservantes. Logo se dará início ao tratamento com aplicação diária do tratamento proposto, de forma que cubra toda a superfície da lesão e confecção de curativo. Serão realizadas avaliações clínicas quanto a presença/ausência de exsudato, crosta e epitelização. O processo cicatricial também será classificado em normotrófico ou hipertrófico após a completa epitelização. Além disso será efetuado registro fotográfico das lesões para determinar a área da lesão em mm2. Estás avaliações serão executadas duas vezes por semana, até a total reepitelização do tecido cutâneo.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (4) Graduação: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Coordenador / Marcos Anciuti - Integrante / Mariana Teixeira Tillmann - Integrante / Sabrina de Oliveira Capella - Integrante / Rogério Antonio Freitag - Integrante / Cristina Gevehr Fernandes - Integrante / Renato Vianna - Integrante / Fabio Classen Chaves - Integrante.

  • 2016 - Atual

    Ensaio clínico da atividade cicatricial de extrato vegetal para o tratamento de lesões cutâneas em pequenos animais, Descrição: O presente projeto tem como objetivo avaliar a ação cicatrizante de um produto experimental a base de extratos vegetal. Serão acompanhados casos de lesões cutâneas abertas em pequenos animais atendidos no hospital de clínicas veterinárias ? UFPel. Os animais receberão o atendimento básico necessário, como anamnese, exame clínico geral e exames complementares, para cada caso. Estabelecendo as diretrizes do tratamento geral de cada caso, os pacientes receberão quando necessário tratamento anti-inflamatório e de analgesia. As lesões cutâneas serão limpas com solução fisiológica. Os animais serão divididos em quatro grupos dos respectivos tratamento, produto cicatrizante amplamente utilizado na rotina veterinária, produto a base do extrato vegetal LCEO302 e produto a base de LCEO 302 e LCEA 201 com e sem conservantes. Logo se dará início ao tratamento com aplicação diária do tratamento proposto, de forma que cubra toda a superfície da lesão e confecção de curativo. Serão realizadas avaliações clínicas quanto a presença/ausência de exsudato, crosta e epitelização. O processo cicatricial também será classificado em normotrófico ou hipertrófico após a completa epitelização. Além disso será efetuado registro fotográfico das lesões para determinar a área da lesão em mm2. Estás avaliações serão executadas duas vezes por semana, até a total reepitelização do tecido cutâneo.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (4) Graduação: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Coordenador / Marcos Anciuti - Integrante / Mariana Teixeira Tillmann - Integrante / Sabrina de Oliveira Capella - Integrante / Rogério Antonio Freitag - Integrante / Cristina Gevehr Fernandes - Integrante / Renato Vianna - Integrante / Fabio Classen Chaves - Integrante.

  • 2016 - Atual

    Ensaio clínico da atividade cicatricial de extrato vegetal para o tratamento de lesões cutâneas em pequenos animais, Descrição: O presente projeto tem como objetivo avaliar a ação cicatrizante de um produto experimental a base de extratos vegetal. Serão acompanhados casos de lesões cutâneas abertas em pequenos animais atendidos no hospital de clínicas veterinárias ? UFPel. Os animais receberão o atendimento básico necessário, como anamnese, exame clínico geral e exames complementares, para cada caso. Estabelecendo as diretrizes do tratamento geral de cada caso, os pacientes receberão quando necessário tratamento anti-inflamatório e de analgesia. As lesões cutâneas serão limpas com solução fisiológica. Os animais serão divididos em quatro grupos dos respectivos tratamento, produto cicatrizante amplamente utilizado na rotina veterinária, produto a base do extrato vegetal LCEO302 e produto a base de LCEO 302 e LCEA 201 com e sem conservantes. Logo se dará início ao tratamento com aplicação diária do tratamento proposto, de forma que cubra toda a superfície da lesão e confecção de curativo. Serão realizadas avaliações clínicas quanto a presença/ausência de exsudato, crosta e epitelização. O processo cicatricial também será classificado em normotrófico ou hipertrófico após a completa epitelização. Além disso será efetuado registro fotográfico das lesões para determinar a área da lesão em mm2. Estás avaliações serão executadas duas vezes por semana, até a total reepitelização do tecido cutâneo.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (4) Graduação: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Coordenador / Marcos Anciuti - Integrante / Mariana Teixeira Tillmann - Integrante / Sabrina de Oliveira Capella - Integrante / Rogério Antonio Freitag - Integrante / Cristina Gevehr Fernandes - Integrante / Renato Vianna - Integrante / Fabio Classen Chaves - Integrante.

  • 2016 - Atual

    Ensaio clínico da atividade cicatricial de extrato vegetal para o tratamento de lesões cutâneas em pequenos animais, Descrição: O presente projeto tem como objetivo avaliar a ação cicatrizante de um produto experimental a base de extratos vegetal. Serão acompanhados casos de lesões cutâneas abertas em pequenos animais atendidos no hospital de clínicas veterinárias ? UFPel. Os animais receberão o atendimento básico necessário, como anamnese, exame clínico geral e exames complementares, para cada caso. Estabelecendo as diretrizes do tratamento geral de cada caso, os pacientes receberão quando necessário tratamento anti-inflamatório e de analgesia. As lesões cutâneas serão limpas com solução fisiológica. Os animais serão divididos em quatro grupos dos respectivos tratamento, produto cicatrizante amplamente utilizado na rotina veterinária, produto a base do extrato vegetal LCEO302 e produto a base de LCEO 302 e LCEA 201 com e sem conservantes. Logo se dará início ao tratamento com aplicação diária do tratamento proposto, de forma que cubra toda a superfície da lesão e confecção de curativo. Serão realizadas avaliações clínicas quanto a presença/ausência de exsudato, crosta e epitelização. O processo cicatricial também será classificado em normotrófico ou hipertrófico após a completa epitelização. Além disso será efetuado registro fotográfico das lesões para determinar a área da lesão em mm2. Estás avaliações serão executadas duas vezes por semana, até a total reepitelização do tecido cutâneo.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (4) Graduação: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Coordenador / Marcos Anciuti - Integrante / Mariana Teixeira Tillmann - Integrante / Sabrina de Oliveira Capella - Integrante / Rogério Antonio Freitag - Integrante / Cristina Gevehr Fernandes - Integrante / Renato Vianna - Integrante / Fabio Classen Chaves - Integrante.

  • 2016 - Atual

    Ensaio clínico da atividade cicatricial de extrato vegetal para o tratamento de lesões cutâneas em pequenos animais, Descrição: O presente projeto tem como objetivo avaliar a ação cicatrizante de um produto experimental a base de extratos vegetal. Serão acompanhados casos de lesões cutâneas abertas em pequenos animais atendidos no hospital de clínicas veterinárias ? UFPel. Os animais receberão o atendimento básico necessário, como anamnese, exame clínico geral e exames complementares, para cada caso. Estabelecendo as diretrizes do tratamento geral de cada caso, os pacientes receberão quando necessário tratamento anti-inflamatório e de analgesia. As lesões cutâneas serão limpas com solução fisiológica. Os animais serão divididos em quatro grupos dos respectivos tratamento, produto cicatrizante amplamente utilizado na rotina veterinária, produto a base do extrato vegetal LCEO302 e produto a base de LCEO 302 e LCEA 201 com e sem conservantes. Logo se dará início ao tratamento com aplicação diária do tratamento proposto, de forma que cubra toda a superfície da lesão e confecção de curativo. Serão realizadas avaliações clínicas quanto a presença/ausência de exsudato, crosta e epitelização. O processo cicatricial também será classificado em normotrófico ou hipertrófico após a completa epitelização. Além disso será efetuado registro fotográfico das lesões para determinar a área da lesão em mm2. Estás avaliações serão executadas duas vezes por semana, até a total reepitelização do tecido cutâneo.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (4) Graduação: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Coordenador / Marcos Anciuti - Integrante / Mariana Teixeira Tillmann - Integrante / Sabrina de Oliveira Capella - Integrante / Rogério Antonio Freitag - Integrante / Cristina Gevehr Fernandes - Integrante / Renato Vianna - Integrante / Fabio Classen Chaves - Integrante.

  • 2016 - Atual

    Ensaio clínico da atividade cicatricial de extrato vegetal para o tratamento de lesões cutâneas em pequenos animais, Descrição: O presente projeto tem como objetivo avaliar a ação cicatrizante de um produto experimental a base de extratos vegetal. Serão acompanhados casos de lesões cutâneas abertas em pequenos animais atendidos no hospital de clínicas veterinárias ? UFPel. Os animais receberão o atendimento básico necessário, como anamnese, exame clínico geral e exames complementares, para cada caso. Estabelecendo as diretrizes do tratamento geral de cada caso, os pacientes receberão quando necessário tratamento anti-inflamatório e de analgesia. As lesões cutâneas serão limpas com solução fisiológica. Os animais serão divididos em quatro grupos dos respectivos tratamento, produto cicatrizante amplamente utilizado na rotina veterinária, produto a base do extrato vegetal LCEO302 e produto a base de LCEO 302 e LCEA 201 com e sem conservantes. Logo se dará início ao tratamento com aplicação diária do tratamento proposto, de forma que cubra toda a superfície da lesão e confecção de curativo. Serão realizadas avaliações clínicas quanto a presença/ausência de exsudato, crosta e epitelização. O processo cicatricial também será classificado em normotrófico ou hipertrófico após a completa epitelização. Além disso será efetuado registro fotográfico das lesões para determinar a área da lesão em mm2. Estás avaliações serão executadas duas vezes por semana, até a total reepitelização do tecido cutâneo.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (4) Graduação: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Coordenador / Marcos Anciuti - Integrante / Mariana Teixeira Tillmann - Integrante / Sabrina de Oliveira Capella - Integrante / Rogério Antonio Freitag - Integrante / Cristina Gevehr Fernandes - Integrante / Renato Vianna - Integrante / Fabio Classen Chaves - Integrante.

  • 2016 - Atual

    Ensaio clínico da atividade cicatricial de extrato vegetal para o tratamento de lesões cutâneas em pequenos animais, Descrição: O presente projeto tem como objetivo avaliar a ação cicatrizante de um produto experimental a base de extratos vegetal. Serão acompanhados casos de lesões cutâneas abertas em pequenos animais atendidos no hospital de clínicas veterinárias ? UFPel. Os animais receberão o atendimento básico necessário, como anamnese, exame clínico geral e exames complementares, para cada caso. Estabelecendo as diretrizes do tratamento geral de cada caso, os pacientes receberão quando necessário tratamento anti-inflamatório e de analgesia. As lesões cutâneas serão limpas com solução fisiológica. Os animais serão divididos em quatro grupos dos respectivos tratamento, produto cicatrizante amplamente utilizado na rotina veterinária, produto a base do extrato vegetal LCEO302 e produto a base de LCEO 302 e LCEA 201 com e sem conservantes. Logo se dará início ao tratamento com aplicação diária do tratamento proposto, de forma que cubra toda a superfície da lesão e confecção de curativo. Serão realizadas avaliações clínicas quanto a presença/ausência de exsudato, crosta e epitelização. O processo cicatricial também será classificado em normotrófico ou hipertrófico após a completa epitelização. Além disso será efetuado registro fotográfico das lesões para determinar a área da lesão em mm2. Estás avaliações serão executadas duas vezes por semana, até a total reepitelização do tecido cutâneo.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (4) Graduação: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Coordenador / Marcos Anciuti - Integrante / Mariana Teixeira Tillmann - Integrante / Sabrina de Oliveira Capella - Integrante / Rogério Antonio Freitag - Integrante / Cristina Gevehr Fernandes - Integrante / Renato Vianna - Integrante / Fabio Classen Chaves - Integrante.

  • 2016 - Atual

    Ensaio clínico da atividade cicatricial de extrato vegetal para o tratamento de lesões cutâneas em pequenos animais, Descrição: O presente projeto tem como objetivo avaliar a ação cicatrizante de um produto experimental a base de extratos vegetal. Serão acompanhados casos de lesões cutâneas abertas em pequenos animais atendidos no hospital de clínicas veterinárias ? UFPel. Os animais receberão o atendimento básico necessário, como anamnese, exame clínico geral e exames complementares, para cada caso. Estabelecendo as diretrizes do tratamento geral de cada caso, os pacientes receberão quando necessário tratamento anti-inflamatório e de analgesia. As lesões cutâneas serão limpas com solução fisiológica. Os animais serão divididos em quatro grupos dos respectivos tratamento, produto cicatrizante amplamente utilizado na rotina veterinária, produto a base do extrato vegetal LCEO302 e produto a base de LCEO 302 e LCEA 201 com e sem conservantes. Logo se dará início ao tratamento com aplicação diária do tratamento proposto, de forma que cubra toda a superfície da lesão e confecção de curativo. Serão realizadas avaliações clínicas quanto a presença/ausência de exsudato, crosta e epitelização. O processo cicatricial também será classificado em normotrófico ou hipertrófico após a completa epitelização. Além disso será efetuado registro fotográfico das lesões para determinar a área da lesão em mm2. Estás avaliações serão executadas duas vezes por semana, até a total reepitelização do tecido cutâneo.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (4) Graduação: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Coordenador / Marcos Anciuti - Integrante / Mariana Teixeira Tillmann - Integrante / Sabrina de Oliveira Capella - Integrante / Rogério Antonio Freitag - Integrante / Cristina Gevehr Fernandes - Integrante / Renato Vianna - Integrante / Fabio Classen Chaves - Integrante.

  • 2016 - Atual

    Ensaio clínico da atividade cicatricial de extrato vegetal para o tratamento de lesões cutâneas em pequenos animais, Descrição: O presente projeto tem como objetivo avaliar a ação cicatrizante de um produto experimental a base de extratos vegetal. Serão acompanhados casos de lesões cutâneas abertas em pequenos animais atendidos no hospital de clínicas veterinárias ? UFPel. Os animais receberão o atendimento básico necessário, como anamnese, exame clínico geral e exames complementares, para cada caso. Estabelecendo as diretrizes do tratamento geral de cada caso, os pacientes receberão quando necessário tratamento anti-inflamatório e de analgesia. As lesões cutâneas serão limpas com solução fisiológica. Os animais serão divididos em quatro grupos dos respectivos tratamento, produto cicatrizante amplamente utilizado na rotina veterinária, produto a base do extrato vegetal LCEO302 e produto a base de LCEO 302 e LCEA 201 com e sem conservantes. Logo se dará início ao tratamento com aplicação diária do tratamento proposto, de forma que cubra toda a superfície da lesão e confecção de curativo. Serão realizadas avaliações clínicas quanto a presença/ausência de exsudato, crosta e epitelização. O processo cicatricial também será classificado em normotrófico ou hipertrófico após a completa epitelização. Além disso será efetuado registro fotográfico das lesões para determinar a área da lesão em mm2. Estás avaliações serão executadas duas vezes por semana, até a total reepitelização do tecido cutâneo.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (4) Graduação: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Coordenador / Marcos Anciuti - Integrante / Mariana Teixeira Tillmann - Integrante / Sabrina de Oliveira Capella - Integrante / Rogério Antonio Freitag - Integrante / Cristina Gevehr Fernandes - Integrante / Renato Vianna - Integrante / Fabio Classen Chaves - Integrante.

  • 2016 - Atual

    Ensaio clínico da atividade cicatricial de extrato vegetal para o tratamento de lesões cutâneas em pequenos animais, Descrição: O presente projeto tem como objetivo avaliar a ação cicatrizante de um produto experimental a base de extratos vegetal. Serão acompanhados casos de lesões cutâneas abertas em pequenos animais atendidos no hospital de clínicas veterinárias ? UFPel. Os animais receberão o atendimento básico necessário, como anamnese, exame clínico geral e exames complementares, para cada caso. Estabelecendo as diretrizes do tratamento geral de cada caso, os pacientes receberão quando necessário tratamento anti-inflamatório e de analgesia. As lesões cutâneas serão limpas com solução fisiológica. Os animais serão divididos em quatro grupos dos respectivos tratamento, produto cicatrizante amplamente utilizado na rotina veterinária, produto a base do extrato vegetal LCEO302 e produto a base de LCEO 302 e LCEA 201 com e sem conservantes. Logo se dará início ao tratamento com aplicação diária do tratamento proposto, de forma que cubra toda a superfície da lesão e confecção de curativo. Serão realizadas avaliações clínicas quanto a presença/ausência de exsudato, crosta e epitelização. O processo cicatricial também será classificado em normotrófico ou hipertrófico após a completa epitelização. Além disso será efetuado registro fotográfico das lesões para determinar a área da lesão em mm2. Estás avaliações serão executadas duas vezes por semana, até a total reepitelização do tecido cutâneo.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (4) Graduação: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Coordenador / Marcos Anciuti - Integrante / Mariana Teixeira Tillmann - Integrante / Sabrina de Oliveira Capella - Integrante / Rogério Antonio Freitag - Integrante / Cristina Gevehr Fernandes - Integrante / Renato Vianna - Integrante / Fabio Classen Chaves - Integrante.

  • 2016 - Atual

    Ensaio clínico da atividade cicatricial de extrato vegetal para o tratamento de lesões cutâneas em pequenos animais, Descrição: O presente projeto tem como objetivo avaliar a ação cicatrizante de um produto experimental a base de extratos vegetal. Serão acompanhados casos de lesões cutâneas abertas em pequenos animais atendidos no hospital de clínicas veterinárias ? UFPel. Os animais receberão o atendimento básico necessário, como anamnese, exame clínico geral e exames complementares, para cada caso. Estabelecendo as diretrizes do tratamento geral de cada caso, os pacientes receberão quando necessário tratamento anti-inflamatório e de analgesia. As lesões cutâneas serão limpas com solução fisiológica. Os animais serão divididos em quatro grupos dos respectivos tratamento, produto cicatrizante amplamente utilizado na rotina veterinária, produto a base do extrato vegetal LCEO302 e produto a base de LCEO 302 e LCEA 201 com e sem conservantes. Logo se dará início ao tratamento com aplicação diária do tratamento proposto, de forma que cubra toda a superfície da lesão e confecção de curativo. Serão realizadas avaliações clínicas quanto a presença/ausência de exsudato, crosta e epitelização. O processo cicatricial também será classificado em normotrófico ou hipertrófico após a completa epitelização. Além disso será efetuado registro fotográfico das lesões para determinar a área da lesão em mm2. Estás avaliações serão executadas duas vezes por semana, até a total reepitelização do tecido cutâneo.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (4) Graduação: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Márcia de Oliveira Nobre - Coordenador / Marcos Anciuti - Integrante / Mariana Teixeira Tillmann - Integrante / Sabrina de Oliveira Capella - Integrante / Rogério Antonio Freitag - Integrante / Cristina Gevehr Fernandes - Integrante / Renato Vianna - Integrante / Fabio Classen Chaves - Integrante.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Prêmios

2015

Primeiro lugar na área de Ciências Agrárias, categoria Jovem Pesquisador PIBIC/CNPq, Salão Universitário UCPel.

2014

Destaque na área de caninos, CONBRAVET.

2009

3 lugar XVIII Congresso de Iniciação Científica na área de Ciências Agrárias, Universidade Federal de Pelotas.

2008

3 lugar XVII Congresso de Iniciação científica na área de Ciências Agrárias, Universidade Federal de Pelotas.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Universidade Federal de Pelotas, Faculdade de Veterinária. , Departamento de Clínicas Veterinária, Campus Universitário, 96010900 - Capão do Leão, RS - Brasil, Telefone: (53) 32757504

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2001 - 2004

    Universidade Federal do Rio Grande do Sul

    Vínculo: Bolsista Doutorado, Enquadramento Funcional: Bolsista Doutorado

    Atividades

    • 01/2001 - 04/2004

      Pesquisa e desenvolvimento , Faculdade de Veterinária, Departamento de Patologia e Clínica Veterinária.,Linhas de pesquisa

  • 2014 - Atual

    Universidade Federal de Pelotas

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Associado, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

  • 2014 - Atual

    Universidade Federal de Pelotas

    Vínculo: , Enquadramento Funcional: Orientadora no PPGP (UFPel), Carga horária: 4

  • 2013 - Atual

    Universidade Federal de Pelotas

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Membro do Colegiado do Curso de Pós-graduação, Carga horária: 2

  • 2007 - Atual

    Universidade Federal de Pelotas

    Vínculo: , Enquadramento Funcional: Orientadora no PPGV(UFPel), Carga horária: 4

  • 2006 - Atual

    Universidade Federal de Pelotas

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Coordenadora da residência em Pet terapia, Carga horária: 10

  • 2013 - 2016

    Universidade Federal de Pelotas

    Vínculo: , Enquadramento Funcional: Bolsista de Produtividade CNPq-Nível 2, Carga horária: 8

    Outras informações:
    Atividade cicatricial, repelente, citotóxica e antioxidante de extratos vegetais

  • 2013 - 2015

    Universidade Federal de Pelotas

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Coordenadora do PPG Veterinária, Carga horária: 10

  • 2007 - 2014

    Universidade Federal de Pelotas

    Vínculo: Celetista formal, Enquadramento Funcional: Membro do Conselho Departamental do Curso de, Carga horária: 4

  • 2012 - 2013

    Universidade Federal de Pelotas

    Vínculo: , Enquadramento Funcional: Coordenadora adjunta do PPG Veterinária, Carga horária: 5

  • 2005 - 2013

    Universidade Federal de Pelotas

    Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor adjunto, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

  • 2009 - 2012

    Universidade Federal de Pelotas

    Vínculo: , Enquadramento Funcional: Coordenadora do PPG Veterinária, Carga horária: 10

  • 2010 - 2010

    Universidade Federal de Pelotas

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Comissão de estágio curricular supervisionado, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Faculdade de Veterinária

  • 2007 - 2009

    Universidade Federal de Pelotas

    Vínculo: Função gratificada, Enquadramento Funcional: Chefe de departamento de Clínicas Veterinária, Carga horária: 12

  • 2007 - 2009

    Universidade Federal de Pelotas

    Vínculo: , Enquadramento Funcional: Membro do Colegiado do Curso de Veterinária, Carga horária: 4

  • 2005 - 2005

    Universidade Federal de Pelotas

    Vínculo: Bolsista recém-doutor, Enquadramento Funcional: Bolsista recém doutor, Carga horária: 40

    Outras informações:
    Bolsista Pós-Doctor (PD)- concedido pelo CNPq com desenvolvimento no setor de micologia do Departamento de Veterinária Preventiva, Faculdade de Veterinária. Projeto de Pesquisa- Sporothrix schenckii: importância da melanina na patogenicidade in vivo e relação com o perfil molecular e sensibilidade a antifúngicos.

  • 2004 - 2005

    Universidade Federal de Pelotas

    Vínculo: Professor substituto, Enquadramento Funcional: Professor substituto, Carga horária: 40

    Outras informações:
    Professor substituto no Departamento de Microbiologia e Parasitologia, no Instituto de Biologia

  • 1997 - 1999

    Universidade Federal de Pelotas

    Vínculo: Professor substituto, Enquadramento Funcional: Professor substituto, Carga horária: 40

    Outras informações:
    Professor substituto na disciplina de Doenças Infecciosas e de Doenças Infecciosas a campo (regencia de disciplina), Departamento de Veterinária Preventiva, Faculdade de Veterinária

  • 1995 - 1997

    Universidade Federal de Pelotas

    Vínculo: Bolsista mestrado, Enquadramento Funcional: Bolsista de mestrado, Carga horária: 40

    Outras informações:
    Bolsista da CAPES do Programa de Pós-Graduação em Veterinária

  • 1983 - 1984

    Universidade Federal de Pelotas

    Vínculo: monitor, Enquadramento Funcional: monitor, Carga horária: 12

    Outras informações:
    Foram realizadas atividades na preparação e auxílio nas aulas práticas das disciplinas de clínica de pequenos animais e o acompanhamento de casos clínicos que chegavam ao hospital veterinário

    Atividades

    • 01/2012

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação, .,Cargo ou função, Representante da Faculdade de Veterinária.

    • 06/2007

      Extensão universitária , Departamento de Clínicas Veterinária, .,Atividade de extensão realizada, CLINPET- Grupo de Pesquisa, Ensino e Extensão em Clínica de Pequenos Animais (52702047).

    • 01/2007

      Ensino, Programa de Pós-graduação em Veterinária, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, 518036 - Clínica Dermatológica em Pequenos Animais, 518043 - Orientação de Dissertação ou Tese, 518045 - Orientação de Dissertação ou Tese Cv, 518046 - Seminário em Clínica Médica de Pequenos Animais III, 518047 - Diagnóstico Clínico em Dermatologias, 518052 - Estágio em Docência na Graduação

    • 06/2006

      Extensão universitária , Faculdade de Veterinária, .,Atividade de extensão realizada, Zooterapia: cães como auxiliares na reabilitação de pessoas com necessidades especiais (52702026).

    • 01/2006

      Extensão universitária , Faculdade de Veterinária, .,Atividade de extensão realizada, Atendimento clínico veterinário no Hospital de Clínicas Veterinárias da Universidade Federal de Pelotas.

    • 12/2005

      Ensino, Medicina Veterinária, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Clínica Médica de Pequenos Animais

    • 01/2005

      Pesquisa e desenvolvimento , Faculdade de Veterinária, Departamento de Veterinária Preventiva.,Linhas de pesquisa

    • 01/2005

      Ensino, Medicina Veterinária, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Doenças Infecciosas, Doenças Infecciosas dos pequenos animais

    • 01/2007 - 12/2012

      Ensino, Programa de Pós-graduação em Veterinária, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, 518046 - Seminário em Dermatologia, 518061 - Rotina em Clínica de Pequenos Animais

    • 01/2011 - 03/2012

      Direção e administração, Faculdade de Veterinária, Programa de Pós Graduação em Medicina Veterinária.,Cargo ou função, Suplente do Coordenador do Programa de Pós-Graduação em Veterinária.

    • 01/2011 - 03/2012

      Direção e administração, Departamento de Clínicas Veterinária, .,Cargo ou função, Coordenador Adjunto e Membro Suplente do Departamento de Clínicas Veterinárias.

    • 08/2007 - 02/2009

      Direção e administração, Faculdade de Veterinária, Programa de Pós Graduação em Medicina Veterinária.,Cargo ou função, Vice Coordenador.

    • 01/2007 - 02/2009

      Direção e administração, Faculdade de Veterinária, .,Cargo ou função, Chefe do Departamento de Clínicas Veterinária.

    • 05/2007 - 05/2008

      Extensão universitária , Faculdade de Veterinária, .,Atividade de extensão realizada, Caminhos Farroupilhas - controle populacional de cães.

    • 12/2005 - 01/2007

      Ensino, Medicina Veterinária, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Doenças Infecciosas de Pequenos Animais

    • 01/2005 - 01/2007

      Ensino, Veterinária, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, Micologia I, Micologia II

    • 05/2004 - 01/2005

      Pesquisa e desenvolvimento , Faculdade de Veterinária, Departamento de Veterinária Preventiva.,Linhas de pesquisa

    • 05/2004 - 01/2005

      Pesquisa e desenvolvimento , Instituto de Biologia, Departamento de Microbiologia e Parasitologia.,Linhas de pesquisa

    • 05/2004 - 01/2005

      Ensino, Enfermagem e Obstetrícia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Microbiologia e Imunologia

    • 05/2004 - 01/2005

      Ensino, Nutrição, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Microbiologia e Imunologia, Regência da Disciplina Microbiologia e Imunologia

    • 05/2004 - 01/2005

      Ensino, Odontologia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Microbiologia e Imunologia

    • 05/2004 - 01/2005

      Ensino, Biologia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Microbiologia dos alimentos

    • 05/2004 - 01/2005

      Ensino, Veterinária, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, Micologia I, Micologia II

    • 05/2004 - 01/2005

      Ensino, Medicina Veterinária, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Doenças infecciosas dos pequenos animais

    • 05/1997 - 03/1999

      Pesquisa e desenvolvimento , Faculdade de Veterinária, Departamento de Veterinária Preventiva.,Linhas de pesquisa

    • 05/1997 - 03/1999

      Ensino, Medicina Veterinária, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Doenças Infecciosas, Doenças infecciosas a campo

    • 06/1983 - 07/1984

      Outras atividades técnico-científicas , Faculdade de Veterinária, Faculdade de Veterinária.,Atividade realizada, Monitoria na Disciplina de Clínica Médica de Pequenos Animais.

  • 1984 - 1995

    Mascote Clínica Veterinária

    Vínculo: Médico Veterinário, Enquadramento Funcional: Proprietário, Carga horária: 60

    Atividades

    • 09/1990 - 09/1995

      Serviços técnicos especializados , Mascote Clínica Veterinária, .,Serviço realizado, Eletrocardiograma para pequenos animais.

    • 03/1990 - 09/1995

      Serviços técnicos especializados , Mascote Clínica Veterinária, .,Serviço realizado, Comercialização de artigos para caninos e felinos.

    • 10/1984 - 09/1995

      Serviços técnicos especializados , Mascote Clínica Veterinária, .,Serviço realizado, Estética canina.

    • 05/1987 - 07/1995

      Serviços técnicos especializados , Mascote Clínica Veterinária, .,Serviço realizado, Radiologia Veterinéria para Pequenos Animais.

    • 09/1984 - 07/1995

      Serviços técnicos especializados , Mascote Clínica Veterinária, .,Serviço realizado, Clínica e cirurgia de pequenos animais.

    • 09/1984 - 07/1995

      Serviços técnicos especializados , Mascote Clínica Veterinária, .,Serviço realizado, Internação de animais doentes para tratamento.