Federico Arturo Monte Domecq Rolón

é Biólogo (UFSC, Brasil) e Mestre em Ecologia (UFRGS, Brasil). Possui experiencia em Planejamento de conservacão da biodiversidade e recursos hídricos.

Informações coletadas do Lattes em 12/04/2019

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Mestrado interrompido em 2012 em Ecologia

2010 - Interrompido

Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Fernando Gertum Becker.Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Ano de interrupção: 2012Palavras-chave: bacias hidrográficas; classificação de sistemas aquáticos; planejamento de conservação de sistemas aquáticos; ecorregiões aquáticas.Grande área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Ecologia de Ecossistemas. Grande Área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Geografia Física / Especialidade: Geomorfologia. Grande Área: Engenharias / Área: Engenharia Sanitária / Subárea: Recursos Hídricos / Especialidade: Planejamento Integrado dos Recursos Hídricos. Setores de atividade: Pesquisa e desenvolvimento científico.

Graduação em Ciências Biológicas

2001 - 2006

Universidade Federal de Santa Catarina
Orientador: Zenilda Laurita Bouzon

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2013 - 2013

Modelo hidrológico TEMEZCHAC para el cálculo del B. (Carga horária: 24h). , Consejo Intergubernamental de la Cuenca del Plata.

2011 - 2011

Modelagem hidrológica de grande escala com o MGB. (Carga horária: 40h). , Instituto de Pesquisas Hidráulicas - UFRGS.

2008 - 2008

Gestion integrada de recursos hídricos. (Carga horária: 70h). , Universidade de Buenos Aires.

2007 - 2007

Planes de Gestion Integrada de Cuencas. (Carga horária: 40h). , Universidad Nacional de Asunción.

2007 - 2007

Gestión Sustentable de los Suelos - pesticidas. (Carga horária: 24h). , Universidad Catolica Nuestra Senora de La Asuncion.

2007 - 2007

Introdução ao gerenciamento de projetos. (Carga horária: 3h). , Fundação Parque Tecnológico Itaipu - Brasil.

2007 - 2007

manejo y prevencion de conflictos socioambientales. (Carga horária: 16h). , Fundación Futuro Latinoamericano.

2006 - 2006

Evaluación de Impacto Ambiental y Evaluación de Pr. (Carga horária: 180h). , Universidad Nacional de Asunción.

2006 - 2006

Atualização em Auditoria Ambiental. (Carga horária: 180h). , Universidad Nacional de Asunción.

2006 - 2006

gestion de areas protegidas. (Carga horária: 88h). , Secretaria del Ambiente.

2005 - 2005

Gestion integrada de recursos Hidricos. (Carga horária: 36h). , Universidad Nacional de Asunción.

2003 - 2003

Restauração de áreas degradadas. (Carga horária: 12h). , Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.

2003 - 2003

Ultraestrutura Vegetal. (Carga horária: 40h). , Universidade Federal do Paraná.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Espanhol

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Português

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Botânica / Subárea: Taxonomia Vegetal/Especialidade: Taxonomia de Criptógamos.

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Botânica / Subárea: Morfologia Vegetal/Especialidade: Citologia Vegetal.

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Ecologia de Ecossistemas.

    Grande área: Engenharias / Área: Engenharia Sanitária / Subárea: Recursos Hídricos/Especialidade: Planejamento Integrado dos Recursos Hídricos.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

XIX Congresso da Sociedade Brasileira de Microscopia e Microanálise. XIX Congresso da Sociedade Brasileira de Microscopia e Microanálise. 2003. (Congresso).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Eliseu José Weber

WEBER, E. J.; HARTZ, S. M.; SILVA, M. D.. Hierarquia espacial de sub-bacias hidrográficas como unidades de planejamento de conservação de sistemas aquáticos continentais. 2012. Dissertação (Mestrado em Ecologia) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Sandra Maria Hartz

HARTZ, SANDRA M.. Hierarquia espacial de sub-bacias hidrográficas como unidades de planejamento de conservação de sistemas aquáticos continentais. 2012. Dissertação (Mestrado em Ecologia) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Marcelo Dutra da Silva

BECKER, F. G.SILVA, M.D.WEBER, E. J.; HARTZ, S. M.. Hierarquia espacial de sub-bacias hidrográficas como unidades de planejamento de conservação de sistemas aquáticos continentais. 2012. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Ecologia) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

FERNANDO GERTUM BECKER

Hierarquia espacial de subbacias hidrográficas como unidades de planejamento de conservação de sistemas aquáticos continentais; 2012; Dissertação (Mestrado em Ecologia) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Fernando Gertum Becker;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • MONTE DOMECQ, F. A. ; OURIQUES, L. C. ; BOUZON, Z. L. . Tetrasporogenesis in Gelidium floridanum (Gelidiales, Rhodophyta): Cytochemical Study. In: XIX Congresso da Sociedade Brasileira de Microscopia e Microanálise, 2003, Caxambú. Acta Microscópica, 2003.

  • MONTE DOMECQ, F. A. ; BOUZON, Z. L. ; OURIQUES, L. C. . Spores germination of Gelidium floridanum (GELIDIALES, RHODOPHYTA): Citochemical and ultrastructural study.. In: XIX Congresso da Sociedade Brasileira de Microscopia e Microanálise., 2003, Caxambu, MG.. anais do XIX congresso da sociedade brasileira de microscopia e microanálise, 2003.

  • MONTE DOMECQ, F. A. . EFFECTS OF CYTOSKELETON CONTROLLING DRUGS AND CALCIUM ON SPORE GERMINATION IN. In: XII Congress of the Brazilian Society for Cell Biology and IX Ibero-American Congress of Cell Biology, 2004, Campinas, SP. Brasil.. anais da sociedade...., 2005.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

MONTE DOMECQ, F. A. ; MARTINEZ, A. W. . Mapas tematicos para Plan de Aguas para el Chaco. 2007. (Cartas, mapas ou similares/Mapa).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2004 - 2006

    Impacto ambiental do crescimento urbano em áreas costeiras: Subsídios ao manejo integrado de recursos hídricos em Santa Catarina - Brasil, Descrição: A presente proposta representa uma abordagem multidisciplinarque pretende discutir o impacto ambiental do crescimento urbano em áreas costeiras, fornecendo subsídios para o manejo integrado de recursos hídricos no Brasil. A avaliação conjunta de fatores bióticos, abióticos e sócio-culturais proporcionarão uma análise geral da capacidade suporte do referido ambiente, apresentando possíveis alternativas para a mitigação dos impactos ambientais produzidos direta ou indiretamente pelo crescimento urbano em áreas costeiras. O monitoramento das condições ambientais da Baía fornecerá importantes subsídios para a tomada de decisão do poder público no que se refere às prioridades de investimentosem saneamento básico e incentivos à maricultura e a pesca. O reconhecimento de eventuais padrões de qualidade de água, diversidade biológica e cultural servirá de base para a escolha e delimitação de parques aquícolas. Considerando que a referida Baía está na área de amortecimento da REBIO Marinha do Arvoredo, única de sua categoria no sul do Brasil, os presentes resultados serão imprescindíveis para a avaliação dos riscos e um monitoramento adequado da biodiversidade que coloniza a área da reserva. Do ponto de vista econômico, pode-se apresentar alternativas que incentivem de maneira sustentável a exploração das vocações naturais das diferentes localidades adjacentes à baía da Ilha de Santa Catarina. No âmbitosócio-ambiental, pretende-se reconhecer os padões de interação das comunidades que habitam esta região com relação ao uso e manejo dos recursos naturais de seu entorno, assim como, as formas de vida e de produção econômica diretamente relacionadacom este ecossistema.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (7) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Federico Arturo Monte Domecq Rolón - Integrante / Luciane C. Ouriques - Integrante / Zenilda L. Bouzon - Coordenador / Janayna Bouzon - Integrante / Paulo Horta - Integrante / paulo pagliosa - Integrante / Fonseca, Alessandra - Integrante / Sandro Emoto - Integrante / Thinara Machado - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de desenvolvimento

  • 2008 - Atual

    Sistema INternacional de Estudos sobre Recursos hídricos e Gerenciamento de Impactos devido ao Aquecimento global na bacia do Paraguai - SINERGIA, Descrição: A bacia do rio Paraguai é parte do sistema Paraná-Prata e constitui uma das maiores reservas de água doce da América do Sul e do mundo. A bacia do Rio Paraguai cobre uma área de 1.095.000 km2. Mais de 3 milhões de pessoas vivem nesta bacia. Uma fração significativa do PIB dos paises ribeirinhos (Argentina, Bolívia, Brasil, Paraguai) é produzida pelas atividades econômicas desenvolvidas na bacia. A maior parte da riqueza produzida é ligada à agricultura, uma atividade que geralmente utiliza ao redor de 70% dos recursos hídricos disponível. O planejamento e manejo adequado dos recursos hídricos são certamente cruciais para a região. O Pantanal encontra-se nesta bacia, a montante do sistema hídrico, na bacia do Alto Paraguai. Este bioma merece destaque, pois é uma área excepcional sendo um dos maiores complexos de terras úmidas do mundo. No entanto, existem várias ameaças às funções ecológicas e hidrológicas do Pantanal. Esta situação indesejável é o resultado de um planejamento inadequado do uso da terra, da conservação da biodiversidade e principalmente do uso dos recursos hídricos. No futuro imediato, a pressão sobre o uso dos recursos hídricos da bacia do Paraguai continuará aumentando e a prazo, a mudança climática representa uma influência externa da maior relevância. No estado atual do conhecimento, pode se prever que esta mudança cria uma pressão suplementar sobre os recursos hídricos da bacia do Paraguai. As atividades agrícolas terão que se adaptarem as condições climáticas que já estão mudando para serem sustentáveis no futuro. As implicações das mudanças climáticas sobre os recursos hídricos da bacia do Paraguai não são conhecidas com precisão. O Pantanal poderá ter uma função especial nos cenários de mudanças climáticas da bacia já que constitui uma grande superfície de evaporação, durante grande parte do ano (uma fonte de umidade do ar) localizado entre áreas mais secas de Chaco e Cerrado. No entanto, hoje pouco se sabe ainda sobre os aspectos climático.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Federico Arturo Monte Domecq Rolón - Integrante / Pierre Girard - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Prêmios

2005

Bolsa de iniciaçao cientìfica, CNPq.

2004

bolsa de iniciação científica, CNPq.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Instituto de Pesquisas Hidráulicas. , Rua Bento Gonçalves, 9500, Agronomia, 91501-970 - Porto Alegre, RS - Brasil - Caixa-postal: 15029, Telefone: (51) 33086670, Fax: (51) 33087509, URL da Homepage:

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2009 - 2011

    Centro de Pesquisas do Pantanal

    Vínculo: pesquisador, Enquadramento Funcional: pesquisador, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

  • 2008 - 2008

    MInisterio de Salud Pública y BIenestar Social

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Técnico de cartogafía, Carga horária: 40

    Outras informações:
    Apoio técnico á resposta operativa de vigilância e controle de vetores durante a epidemia de Febre Amarela 2008. Sistematização de base de dados em plataforma GIS. Elaboração de Mapas Temáticos.

  • 2007 - 2008

    Corporacion de Agua para el Chaco

    Vínculo: Consultor técnico, Enquadramento Funcional: consultor

    Outras informações:
    Sistematização e processamento de informação em Sistemas de Informação Geográfica. Elaboração de Mapas Temáticos y considerações ambientais de disponibilidade da água em sistemas naturais.

  • 2006 - 2007

    Secretaria del Ambiente

    Vínculo: Consultor especialista, Enquadramento Funcional: integral, Carga horária: 40

    Outras informações:
    Iniciativa para la protección de áreas silvestres del Paraguai. Projeto PAR98 /G33/PNUD (Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento)/GEF ( Fundo Mundial para o Meio Ambiente-Banco Mundial)

  • 2004 - 2006

    Universidade Federal de Santa Catarina

    Vínculo: integrante bolsista graduação, Enquadramento Funcional: estudante, Carga horária: 20