Isadora Cafruni

Graduanda em Engenharia de Alimentos da Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Informações coletadas do Lattes em 28/06/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Graduação em andamento em Engenharia de Alimentos

2011 - Atual

Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Ensino Médio (2º grau)

2008 - 2010

CEM Pastor Dohms

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Bandeira representando o idioma Inglês

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Bandeira representando o idioma Português

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Bandeira representando o idioma Alemão

Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Pouco, Escreve Pouco.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

Grande área: Outros.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

Mostra de Iniciação Científica 2012.Avaliação Físico-Química de Brotos de Alfafa (medicago sativa) e Feijão (Phaseolus vulgaris) Armazenados sob Atmosfera Modificada. 2012. (Seminário).

SALÃO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA UFRGS.Avaliação Físico-Química de Brotos de Alfafa (Medicago Sativa) e Feijão ( Phaseolus Vulgaris L) Minimamente Processados e Armazenados sob Atmofera Modificada. 2012. (Seminário).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Alessandro de Oliveira Rios

RIOS, A. de O.. Evaluation of Drying Temperature on Bioactive Compounds Retention in Pasta Enriched with Microalgae Biomass. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia de Alimentos) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Rosane Rech

Evaluation of drying temperature on bioactive compounds retention in pasta enriched with microalgae biomass; 2016; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Engenharia de Alimentos) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul; Orientador: Rosane Rech;

Roberta Cruz Silveira Thys

EVALUATION OF DRYING TEMPERATURE ON BIOACTIVE COMPOUNDS RETENTION IN PASTA ENRICHED WITH MICROALGAE BIOMASS; 2016; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Engenharia de Alimentos) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul; Orientador: Roberta Cruz Silveira Thys;

Simone Hickmann Flôres

Avaliação de brotos de feijão minimamente processados; 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Engenharia de Alimentos) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul; Orientador: Simone Hickmann Flôres;

Simone Hickmann Flôres

Monitoria da disciplina Desenvolvimento de produtos alimentícios; 2015; Orientação de outra natureza; (Engenharia de Alimentos) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul, UFRGS; Orientador: Simone Hickmann Flôres;

Simone Hickmann Flôres

Tutoria de Programa de Educação Tutorial Engenharia de Alimentos; 2012; Orientação de outra natureza; (Engenharia de Alimentos) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul; Orientador: Simone Hickmann Flôres;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • CAFRUNI, I. ; FLORES, S. H. ; PAGNO, C. ; ASSUMPCAO, C. F. ; JOHANN, V. C. . Avaliação Físico-Química de Brotos de Alfafa (Medicago Sativa) e Feijão ( Phaseolus Vulgaris L) Minimamente Processados e Armazenados sob Atmofera Modificada. 2012. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • CAFRUNI, I. ; JOHANN, V. C. ; FERRAZ, R. ; LIMA, V. R. ; FISCHER, M. M. ; VALENTE, M. C. H. ; SIMON, A. ; AGUIAR, L. A. . Avaliação da Consciência Ambiental dos Estudantes de Engenharia de Alimentos da Universidade Federal do Rio Grande do Sul.. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2013 - Atual

    Produção de biofilmes a base de amido de pinhão para utilização em alimentos, Descrição: Os biofilmes comestíveis biodegradáveis surgiram devido às exigências dos consumidores por embalagens que além de não não serem prejudiciais ao meio ambiente, tragam benefícios. Apresentam-se como uma boa alternativa às embalagens convencionais visto que ajudam a proporcionar maior qualidade, estendendo a vida de prateleira e possibilitando economia com materiais de embalagens tradicionais. Estas embalagens comestíveis podem aumentar a resistência a danos físicos dos produtos, proteger os alimentos contra perda de umidade e crescimento microbiano na superfície e contra a perda de sabor, além de melhorar aspectos visuais e táteis dos mesmos. Todas estas propriedades tornam este tipo de embalagem uma ótima alternativa para as indústrias alimentares, aumentando a qualidade dos produtos, resultando no aumento da vida de prateleira e numa maior segurança microbiológica dos alimentos. Este trabalho tem por objetivo elaborar biofilmes comestíveis à base de amido de pinhão incorporado com plastificantes.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Isadora Cafruni - Integrante / valentina ferrando tasende - Integrante / Florencia cladera Oliveira - Coordenador / Marina Coelho Hofmeister Valente - Integrante.

  • 2012 - 2013

    Avaliação do Ciclo de Vida do Arroz, Descrição: A Avaliação do Ciclo de Vida (ACV) é uma ferramenta importante, capaz de analisar impactos ambientais gerados por um processo através da identificação e do balanço das entradas e saídas de matérias-primas e/ou energia. Objetiva-se desenvolver produtos alimentícios com maior eficiência e sustentabilidade. A crescente conscientização sobre a importância da proteção ambiental e dos possíveis impactos associados a produtos manufaturados tem aumentado o interesse no desenvolvimento de métodos para melhor compreender e diminuir tais impactos. Uma das técnicas com este propósito é a ACV (NBR ISO 14040, 2001. Gestão ambiental). Tal pesquisa teve como objetivo estudar o processamento de arroz branco no RS, delineando a ACV para estimar o impacto ambiental gerado através da emissão de CO2. Pela coleta de dados na indústria foi possível obter a quantidade de gases estufa equivalente, expresso em unidade mássica de CO2, gerada por unidade funcional (1 tonelada de proteína). Realizou-se o estudo em uma empresa no município de Palmares do Sul - RS. Conhecendo o processo de fabricação identificaram-se as etapas de entrada e saída de matérias-primas e sua energia gasta para construção do fluxograma do processo... , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Isadora Cafruni - Integrante / Vanessa Cristina Johann - Integrante / Alessandro de Oliveira Rios - Integrante / Simone Hickmann Flôres - Integrante / Marinha Coelho Hofmeister Valente - Integrante / Aline Simon - Integrante / Renata Ferraz - Integrante / Marina Miranda Fischer - Integrante / vinicius rios de lima - Integrante / Larissa de Aguiar Andrade - Integrante / Alisson de Souza Cunha - Integrante / valentina ferrando tasende - Integrante / Bárbara Da Cás Draguetti - Integrante / Marco Antônio Zachia Ayub - Coordenador.

  • 2012 - Atual

    AVALIACAO FISICO-QUIMICA DE BROTOS DE ALFAFA (MEDICAGO SATIVA), E FEIJAO (PHASEOLUS VULGARIS L ) ARMAZENADOS SOB ATMOSFERA MODIFICADA, Descrição: Os vegetais minimamente processados são produtos similares aos frescos que passam por operações tais como limpeza, classificação, pelagem e corte. Como não sofrem qualquer tipo de tratamento térmico, esses vegetais são constituídos por tecidos vivos, que continuam apresentando o mecanismo da respiração o que faz com que a vida útil de tais produtos seja extremamente baixa, não passando de alguns dias, mesmo sobre refrigeração. A fim de prolongar a vida de prateleira desses alimentos, minimizando as perdas de qualidade, de peso e a degradação por microrganismos, a redução da taxa de respiração vegetal pode ser otimizada por modificação da atmosfera ao redor do produto. A composição da atmosfera à qual os produtos são expostos na fase pós-colheita tem influência não só na taxa respiratória, como também na taxa metabólica geral deles. O objetivo desse trabalho foi avaliar a vida de prateleira dos brotos de alfafa (Mendicago Sativa) e feijão (Phaseolus vulgaris L) minimamente processados armazenados sob atmosfera modificada através de análises físico-químicas dos tempos de 0, 2, 4, 6 e 8 dias de armazenamento.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Isadora Cafruni - Coordenador / Vanessa Cristina Johann - Integrante / carolina fagundes assumpção - Integrante / Carlos Pagno - Integrante / Simone Hickmann Flôres - Integrante.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Instituto de Ciência e Tecnologia dos Alimentos. , AC Campus da UFRGS, Agronomia, 91501970 - Porto Alegre, RS - Brasil

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

2012 - Atual

Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Programa de Educação Tutorial (PET), Carga horária: 20

Outras informações:
Neste programa o bolsista desempenha atividades de ensino, pesquisa e extensão. Desenvolve projetos de iniciação científica, organiza eventos para a comunidade universitária e para profissionais.