Marcio Paim Mariot

Possui bacharelado em Agronomia pela Universidade Federal de Pelotas (1991), Licenciatura em Formação Especial de Professores pela Universidade Católica de Pelotas (1995), mestrado em Fitotecnia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1993), doutorado em Agronomia pela Universidade Federal de Pelotas (2005) e graduação em Teatro-Licenciatura pela Universidade Federal de Pelotas (2018). Atualmente é professor titular do Instituto Federal Sul-rio-grandense, Campus Pelotas - Visconde da Graça. Tem experiência na área de Agronomia, com ênfase em Melhoramento Vegetal, atuando principalmente nos seguintes temas: recursos genéticos e plantas medicinais.

Informações coletadas do Lattes em 20/10/2019

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em Agronomia

2002 - 2005

Universidade Federal de Pelotas
Título: Recursos genéticos de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia Mart. ex Reis. e M. aquifolium Mart.) no Rio Grande do Sul
Rosa Lía Barbieri. Palavras-chave: espinheira-santa; Maytenus; Recursos genéticos; variabilidade genética; coleta de germoplasma; análise multivariada. Grande área: Ciências AgráriasGrande Área: Ciências Biológicas / Área: Genética / Subárea: Genética Quantitativa. Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Genética / Subárea: Genética Vegetal. Setores de atividade: Produção Vegetal.

Mestrado em Fitotecnia

1991 - 1993

Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Título: Avaliações morfológicas e agronômicas de genótipos parentais e gerações segregantes provenientes de cruzamentos entre Avena sativa L. e Avena sterilis L.,Ano de Obtenção: 1993
Orientador: Maria Jane Cruz de Mello Sereno
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Palavras-chave: cruzamento interespecífico; Avena sativa L.; Avena sterilis L.; caracteres agronômicos; herança genética; moléstia. Grande área: Ciências AgráriasSetores de atividade: Produção Vegetal.

Graduação em Teatro

2015 - 2018

Universidade Federal de Pelotas
Título: O professor-personagem e suas relações no ensino de teatro para crianças
Orientador: Taís Ferreira

Graduação em Graduação de Professores da Parte de Form Especial

1994 - 1995

Universidade Católica de Pelotas

Graduação em Agronomia

1987 - 1990

Universidade Federal de Pelotas

Curso técnico/profissionalizante

1983 - 1985

Colégio Agrícola Daniel de Oliveira Paiva

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2018 - 2018

A educação inclusiva e o atendimento educacional especializado. (Carga horária: 280h). , Instituto Federal Sul-Rio-Grandense, IFSUL, Brasil.

2015 - 2015

Capacitação no Portal de Periódicos da CAPES. (Carga horária: 2h). , Instituto Federal Sul-Rio-Grandense, IFSUL, Brasil.

2015 - 2015

Oficina sobre biofertilizantes. (Carga horária: 3h). , Prefeitura Municipal de São Lourenço do Sul, PMSL, Brasil.

2015 - 2015

Oficina sobre plantas ritualísticas. (Carga horária: 3h). , Prefeitura Municipal de São Lourenço do Sul, PMSL, Brasil.

2013 - 2013

Metab. secund., com ênfase em plantas medicinais. (Carga horária: 4h). , Sociedade Brasileira de Fisiologia Vegetal, SBFV, Brasil.

2013 - 2013

Sistema de informação e gestão de projetos-SIGPROJ. (Carga horária: 4h). , Instituto Federal Sul-Rio-Grandense, IFSUL, Brasil.

2013 - 2013

Formação em avaliação de extensão universitária. (Carga horária: 20h). , Universidade Federal de Pelotas, UFPEL, Brasil.

2011 - 2011

Corso avanzato di lingua e cultura italiana. (Carga horária: 128h). , Associação Beneficente e de Assistência Educacional do Rio Grande do Sul, ACIRS, Brasil.

2010 - 2011

Curso avançado de Língua italiana. (Carga horária: 192h). , Associação Beneficente e de Assistência Educacional do Rio Grande do Sul, ACIRS, Brasil.

2010 - 2010

Anatomia de plantas medicinales. (Carga horária: 4h). , Universidade Federal da Paraíba, UFPB, Brasil.

2009 - 2010

Curso Intermediário de Língua e Cultura Italiana. (Carga horária: 192h). , Associação Beneficente e de Assistência Educacional do Rio Grande do Sul, ACIRS, Brasil.

2009 - 2009

Plantas medicinais, aromáticas e condimentares. (Carga horária: 40h). , Centro de treinamento de Agricultores de Nova Petrópolis, CETANP, Brasil.

2009 - 2009

Fisiologia da produção 2: culturas perenes. (Carga horária: 10h). , Sociedade Brasileira de Fisiologia Vegetal, SBFV, Brasil.

2008 - 2009

Corso Basico di Lingua e Cultua Italiana. (Carga horária: 192h). , Associação Beneficente e de Assistência Educacional do Rio Grande do Sul, ACIRS, Brasil.

2008 - 2008

Produção de Plantas Medicinais. (Carga horária: 3h). , Sociedade Brasileira de Plantas Medicinais, SBPM, Brasil.

2007 - 2007

Producción orgánica de hortalizas y frutas. (Carga horária: 16h). , Sociedad Uruguaya de Hortifruticultura, SUH, Uruguai.

2006 - 2006

III Curso Internacional de Plantas Medicinais. (Carga horária: 60h). , Universidade do Sul de Santa Catarina, UNISUL, Brasil.

2003 - 2003

Curso Básico de Alemão Níveis I e II. (Carga horária: 90h). , Colégio Sinodal Alfredo Simon, COLÉGIO SINODAL, Brasil.

2002 - 2002

Atualiz.em Melhor.Plantas:Aplic.de marc. molecures. (Carga horária: 40h). , Universidade Federal do Rio Grande do Sul, UFRGS, Brasil.

2001 - 2001

Extensão universitária em Capacitação Em Biotecnologia. (Carga horária: 120h). , Escola Técnica da Ufrgs, ETUFRGS, Brasil.

2000 - 2000

Extensão universitária em Capacitação Em Biotecnologia. (Carga horária: 40h). , Escola Técnica da Ufrgs, ETUFRGS, Brasil.

1999 - 2000

Curso de Inglês First Internationa I II e III. (Carga horária: 150h). , British House, BRITISH HOUSE, Brasil.

1999 - 1999

Xxxiii Curso de Coordenadores Em Aviação Agrícola. (Carga horária: 80h). , Ministério da Agricultura Pecuária e do Abastecimento, MAPA, Brasil.

1998 - 1999

Curso Pré Intermediário I e II. (Carga horária: 100h). , British House, BRITISH HOUSE, Brasil.

1998 - 1998

Curso Prático de Minhocultura. (Carga horária: 20h). , Universidade Federal de Pelotas, UFPEL, Brasil.

1997 - 1998

Curso de Inglês Elementar I e II. (Carga horária: 100h). , British House, BRITISH HOUSE, Brasil.

1997 - 1997

Mini Curso de Biologia Molecular. (Carga horária: 9h). , Universidade Federal de Pelotas, UFPEL, Brasil.

1996 - 1996

Bioquímica II. (Carga horária: 60h). , Universidade Federal de Pelotas, UFPEL, Brasil.

1990 - 1990

Extensão universitária em Frigoconservação de Vegetais. (Carga horária: 40h). , Universidade Federal de Pelotas, UFPEL, Brasil.

1990 - 1990

Conservação do Solo e da Água. (Carga horária: 30h). , Universidade Federal de Pelotas, UFPEL, Brasil.

1990 - 1990

Curso de Atualização Em Fertilidade do Solo. (Carga horária: 15h). , Universidade Federal de Pelotas, UFPEL, Brasil.

1990 - 1990

Estágio Em Tecnologia de Sementes. (Carga horária: 72h). , Instituto Rio Grandense do Arroz, IRGA, Brasil.

1990 - 1990

Curso de Inglês Basic One e Basic Two. (Carga horária: 107h). , Escolas Fisk, FISK, Brasil.

1989 - 1989

Biotecnologia. (Carga horária: 42h). , Universidade Federal de Pelotas, UFPEL, Brasil.

1989 - 1989

Estágio Em Melhoramento Genético de Arroz. (Carga horária: 240h). , Instituto Rio Grandense do Arroz, IRGA, Brasil.

1988 - 1988

Extensão universitária em Estágio Em Extensão Rural. (Carga horária: 240h). , Universidade Federal de Pelotas, UFPEL, Brasil.

1988 - 1988

Estágio Em Fisiologia de Sementes. (Carga horária: 240h). , Universidade Federal de Pelotas, UFPEL, Brasil.

1986 - 1986

Curso Basic I II e dos. (Carga horária: 40h). , Serviço de Processamento de Dados, BIT, Brasil.

1986 - 1986

Estágio Em Fertilidade do Solo e Tec. de Sementes. (Carga horária: 720h). , Instituto Rio Grandense do Arroz, IRGA, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Espanhol

Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Italiano

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Fitotecnia/Especialidade: Melhoramento Vegetal.

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Genética / Subárea: Genética Vegetal.

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Fitotecnia/Especialidade: Plantas medicinais, aromática e condimentares.

    Grande área: Ciências Biológicas / Área: Botânica / Subárea: Etnobotânica.

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Fitotecnia/Especialidade: Recursos Genéticos.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

MARIOT, M. P. . 5º CaVG: integrando conhecimentos. 2018. (Outro).

MARIOT, M.P. ; STUMPF, Elisabeth Regina Tempel ; SELMO, M. S. ; RODRIGUES, A. O. ; RITTER, V. M. ; WALLY, A. P. ; BITENCOURT JUNIOR, D. . 4º CaVG: integrando conhecimentos. 2017. (Outro).

MARIOT, M. P. ; STUMPF, Elisabeth Regina Tempel ; WALLY, A. P. ; SELMO, M. S. ; RITTER, V. M. ; RODRIGUES, A. O. ; SILVA, D. R. ; PINTO, E. O. . 3º CaVG: integrando conhecimentos. 2016. (Outro).

HOFF, R. B. ; ECHEVERRIA, A. D. ; CUNHA, C. E. M. ; VELLOSO, C. C. ; SILVA, E. M. ; PAULUS, G. ; KLUG, I. B. ; DURIGON, J. ; RIBEIRO, Márcia Vaz ; MARIOT, M. P. ; FISCHER, Síntia Zitzke ; CEOLIN, T. ; KANITZ, V. D. . 9ª Reunião Técnica Estadual sobre Plantas Biotivas. 2015. (Outro).

MARIOT, M. P. ; WALLY, A. P. ; SELMO, M. S. ; RITTER, V. M. ; RODRIGUES, A. O. . II CaVG: integrando conhecimentos. 2015. (Outro).

MARIOT, M. P. ; FISCHER, Síntia Zitzke . Estande do Campus Pelotas-Visconde da Graça na 89ª Expofeira de Pelotas. 2015. (Exposição).

MEDEIROS, A. N. C. ; WALLY, A. P. ; SILVA, D. R. ; CARVALHO, F. H. ; MANZKE, G. R. ; GENTILINI, F. P. ; VILELLA, J. C. B. ; VIEIRA, M. F. ; SELMO, M. S. ; MARIOT, M.P. ; SANTOS, M. S. ; PETERS, M. D. P. ; SOMMER, R. S. ; FISCHER, Síntia Zitzke ; MARQUES, V. D. . 8ª Jornada de Iniciação Científica do IFSul. 2015. (Outro).

RECH, T. B. ; VALLIM, A. P. W. ; MARIOT, M. P. . CaVG: Integrando Conhecimentos. 2014. (Outro).

MARIOT, M. P. ; FISCHER, Síntia Zitzke . Estande do Campus Pelotas-Visconde da Graça na 88ª Expofeira de Pelotas. 2014. (Exposição).

BANEIRO, M. A. V. ; WALLY, A. P. ; PEREIRA, A. C. C. ; PUGGINA, B. A. ; ZAICOWSKI, C. B. ; FISCHER, D. L. O. ; GONCALVES, L. N. L. M. ; AL-ALAM, L. A. W. ; MARIOT, M.P. ; MOREIRA, M. R. G. ; VIEIRA, S. C. ; SILVA, S. S. ; KRUGER, S. ; FISCHER, Síntia Zitzke . Estande do IFSul na 22ª Fenadoce. 2014. .

PINTO, J. R. ; MARIOT, M. P. ; STUMPF, Elisabeth Regina Tempel ; FISCHER, Síntia Zitzke ; SCHWARTZ, E. ; ANCIUTI, M. A. ; GENTILINI, F. P. . Dia de campo: agricultura de base ecológica e diversificação da unidade de produção familiar. 2013. (Outro).

SILVA, M. A. B. V. ; CUNHA, A. P. A. ; BICCA, A. D. N. ; BARREIRO, C. B. ; ARSAND, D. R. ; STUMPF, Elisabeth Regina Tempel ; MARTINS, E. P. ; ESLABAO, L. C. ; COSTA, L. P. ; ROSTAS, M. H. S. G. ; MARIOT, M. P. ; ANCIUTI, M. A. ; BOESSIO, M. L. ; PONTES, M. F. ; VARGAS, P. N. V. ; COELHO, R. O. ; FERREIRA FILHO, R. C. M. . I Jornada de pós-graduação do Instituto Federal Sul-rio-grandense. 2013. (Outro).

MARIOT, M. P. ; STUMPF, Elisabeth Regina Tempel ; FISCHER, Síntia Zitzke . Estande do Campus Pelotas-Visconde da Graça na 87ª Expofeira de Pelotas. 2013. .

BANEIRO, M. A. V. ; MARIOT, M. P. ; MOREIRA, M. R. G. ; AL-ALAM, L. A. W. . Estande do Instituto Federal Sul-rio-grandense na 21ª Fenadoce. 2013. .

SCHIEDECK, G. ; MARIOT, M. P. . 7 Reunião Técnica Estadual sobre Plantas Bioativas. 2012. (Outro).

FISCHER, Síntia Zitzke ; STUMPF, Elisabeth Regina Tempel ; MARIOT, M. P. ; PERLEBERG, T. D. ; MARTINS, R. M. . Ciclo de Palestras do Curso de Especialização Técnica de Nível Médio em Produção e Uso de Plantas Ornamentais e Bioativas. 2012. (Outro).

MARIOT, M. P. ; STUMPF, Elisabeth Regina Tempel ; FISCHER, Síntia Zitzke . Estande do Campus Pelotas - Visconde da Graça do IFSul na 86 Expofeira de Pelotas. 2012. (Exposição).

MARIOT, M. P. ; SILVA, M. A. B. V. ; SELMO, M. S. ; CASTRO, B. H. V. ; WENDT, M. R. ; FARIAS, C. A. . Semana de aniversário do Conjunto Agrotécnico "Visconde da Graça" (CAVG-UFPel). 2007. (Outro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

Mostra de Produção do IFSul - 2018. 2018. (Outra).

V Encontro Nacional de Pedagogia das Artes Cênicas.O professor-personagem no ensino de teatro: experiência pedagógica na pré-escola. 2018. (Encontro).

Mostra de produção IFSul-2017. 2017. (Congresso).

PAINEL DE DIÁLOGO: CONVERSANDO SOBRE TDAH. 2017. (Outra).

77ª Semana Brasileira de Enfermagem da ABEN e 40ª Semana Riograndina de Enfermagem.Plantas medicinais: do cultivo ao consumo. 2016. (Outra).

1º Encontro de Cultura do IFSul.Esquete "Intolerância racial". 2015. (Encontro).

33º Seminário de Extensão Universitária da Região Sul. 2015. (Seminário).

4ª Mostra de Extensão do IFSul. 2015. (Outra).

4ª Mostra de Extensão e Cultura do IFSul.Mediador de mesa de troca de experiências de extensão. 2015. (Outra).

5ª Semana Acadêmica do Curso Técnico em meio Ambiente (5ª AMBITEC).Oficina de manipulação artesanal de plantas medicinais. 2015. (Oficina).

8ª jornada de Iniciação Científica do IFSul. 2015. (Outra).

9ª Reunião Técnica Estadual sobre Plantas Bioativas.Formação de pessoas em plantas bioativas: nível técnico. 2015. (Outra).

9ª Reunião Técnica Estadual sobre Plantas Bioativas. 2015. (Outra).

Atividade auto-gestionada "O PRONATEC e o alinhamento das demandas e ofertas de educação profissional e tecnológica no Brasil" - III Fórum Mundial de Educação Profissional e Tecnológica. 2015. (Outra).

II CaVG: integrando conhecimentos.Coordenação do Espaço Cultural: apresentação de esquetes do Grupo de Teatro do CaVG. 2015. (Outra).

III Fórum Mundial de Educação Profissional e Tecnológica.ECOFARMA: compartilhando conhecimento sobre plantas medicinais. 2015. (Outra).

I Seminário Internacional Maus-Tratos Emocionais: aspectos sociais, jurídicos e educativos no contexto Hispano-Brasileiro. 2015. (Seminário).

Semana de discussões pedagógicas. 2015. (Outra).

Encontro da CGU-PR e do Consultor da Comissão de Ética Pública do Poder Executivo Federal com os Gestores do IFSul. 2014. (Encontro).

II Seminário de Extensão do IFSul. 2014. (Seminário).

II Workshop Insumos para Agricultura Sustentável. 2014. (Outra).

III Semana Acadêmica do Curso Técnico Integrado e Subsequente em Meio Ambiente (AMBITEC).Oficina "Plantas ornamentais e bioativas". 2013. (Oficina).

I Workshop de empreendedorismo e inovação na pós-graduação. 2013. (Outra).

V Encontro Nacional de Grupos de Agroecologia. 2013. (Encontro).

VIII Congresso Brasileiro de Agroecologia. 2013. (Congresso).

VI Jornada de Iniciação Científica e Tecnológica e II Mostra de Extensão do IFSul. 2013. (Outra).

XIII Seminário Estadual sobre Agroecologia. 2013. (Seminário).

XII Seminário Internacional sobre Agroecologia. 2013. (Seminário).

XIV Congresso Brasileiro de Fisiologia Vegetal. Ramificação desde a base e estatura de planta em acessos de Maytenus ilicifolia Martius ex Reissek. 2013. (Congresso).

7 Reunião Técnica Estadual sobre Plantas Bioativas. 2012. (Outra).

7 Reunião Técnica Estadual sobre Plantas Bioativas.Espinheira-santa nossa de cada dia. 2012. (Outra).

Ciclo de palestras do Curso de Especialização Técnica em Produção e Uso de Plantas Ornamentais e Bioativas do IFSul. 2012. (Outra).

III Congresso Iberoamericano de Fitoterapia, I Congresso Brasileiro de Fitoterapia, I Jornada de Fitoterapia do Paraná. Uso popular da espinheira-santa (Maytenus muelleri Schwacke, sin.: Maytenus ilicifolia Mart. ex Reiss.) no Rio Grande do Sul. 2012. (Congresso).

V Jornada de Iniciação Científica e Tecnológica e I Mostra de Extensão do IFSul.Avaliação de pôsteres e comunicações orais da V Jornada de Iniciação Científica e Tecnológica do IFSul. 2012. (Outra).

XXII Simpósio de Plantas Medicinais do Brasil.Variability for traits of agronomic importance in acessions of Maytenus ilicifolia. 2012. (Simpósio).

Capacitação em Plantas Medicinais para Profissionais da Saúde.Oficina de plantas medicinais. 2011. (Oficina).

Capacitação em Plantas Medicinais para Profissionais da Saúde.Cuidados para o bom uso de plantas medicinais (coleta, preparação, conservação e uso) e controle de qualidade. 2011. (Outra).

Bionat Expo - III edição: Feira de sustentabilidade.Oficina: Manipulação Caseira de Plantas Medicinais (tinturas, xarope, pomada) e preparo de extratos de plantas bioativas para pragas e doenças. 2010. (Outra).

V Reunião Técnica Estadual sobre Plantas Bioativas. 2010. (Outra).

XXI Simpósio de Plantas Medicinais do Brasil.Caracterização dos ambientes de ocorrência de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia Mart. ex Reiss. e M. aquifolium Mart.) no Rio Grande do Sul. 2010. (Simpósio).

Fórum Mundial de Educação Profissional e Tecnológica.Espinheira-santa (Maytenus ilicifolia): conservação de uma espécie nativa ameaçada de extinção. 2009. (Outra).

I Encontro Nacional de Engenharia Hídrica - XII Seminário de Uso e Gestão da Água. 2009. (Encontro).

IV Reunião Técnica Estadual sobre Plantas Bioativas. 2009. (Outra).

XII Congresso Brasileiro de Fisilogia Vegetal. Variabilidade para época de floração e frutificação em Maytenus ilicifolia. 2009. (Congresso).

II Semana acadêmica do Colégio Agrícola Daniel de Oliveira Paiva.Plantas Medicinais. 2008. (Outra).

XX Simpósio de Plantas Medicinais do Brasil - X International Congress of Ethnopharmacology. Height plant variability in progenies of espinheira-santa (Maytenus ilicifolia). 2008. (Congresso).

11 Congreso Nacional e 3 Congreso Panamericano promoción del consumo de Frutas y Hortalizas. Caracteres de importância agronômica para seleção em espinheira-santa (Maytenus ilicifolia e M. aquifolium). 2007. (Congresso).

Foro de Integración Regional en Desarrollo Rural e Inclusión Social.Actividad agrícola como instrumento de inclusión social: construyendo mecanismos para la mejora de la calidad alimenticia, capacitación para el trabajo y la socialización. 2007. (Encontro).

57 Congresso Nacional de Botânica. 13 Encontro Estadual de Botânicos. 5 Encontro Estadual de Herbários.. Trabalho 1: O conhecimento popular associado ao uso da espinheira-santa (Maytenus iliciufolia e M. aquifolium); Trabalho 2: Caracteres fisiológicos em progênies de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia e M. aquifolium).. 2006. (Congresso).

Encontro de Iniciação Científica e Pós-Graduação da Embrapa Clima Temperado.Divergência em matrizes de acessos de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia) com base em caracteres morfológicos. 2006. (Encontro).

II Encontro de Professores da Educação Profissional. 2006. (Encontro).

I Reunião Técnica Estadual de plantas Bioativas.I Reunião Técnica Estadual de plantas Bioativas. 2006. (Outra).

Debate sobre. 2005. (Outra).

Sala dos Professores do Processo Seletivo do PAVE (Programa de Avaliação da Vida Escolar). 2005. (Encontro).

Simpósio Brasileiro de Recursos Genéticos de Frutas e Hortaliças. 2005. (Simpósio).

II Congresso Brasileiro de Agroecologia - V Seminário Internacional sobre Agroecologia - VI Seminário Estadual sobre Agroecologia. II Congresso Brasileiro de Agroecologia - V Seminário Internacional sobre Agroecologia - VI Seminário Estadual sobre Agroecologia. 2004. (Congresso).

Semana de Agroindústria 2004.Semana de Agroindústria 2004. 2004. (Encontro).

XIII Congresso de Iniciação Científica - VI Encontro de Pós-Graduação. Membro da comissão de avaliação de trabalhos científicos do XIII Congresso de Iniciação Científica da UFPel.. 2004. (Congresso).

XIV Encontro de Geneticistas do Rio Grande do Sul.XIV Encontro de Geneticistas do Rio Grande do Sul. 2004. (Encontro).

Educação em tempo de rede - A construção de um conhecimento mais global dos sistemas de ensino e o vestibular.Membro da comissão organizadora do seminário Educação em Tempo de Rede. 2003. (Seminário).

Educação em tempo de rede - A construção de um conhecimento mais global dos sistemas de ensino e o vestibular.Debate na roda de discussão: Formação continuada do docente em plena atividade profissional. 2003. (Seminário).

Educação em tempo de rede - A construção de um conhecimento mais global dos sistemas de ensino e o vestibular. 2003. (Seminário).

Educação em tempo de rede - A cosntrução de um conhecimento mais global dos sistemas de ensino e o vestibular.Projeto Ecofarma. 2003. (Seminário).

I Encontro Sul-Brasileiro de Plantas Medicinais.I Encontro Sul-Brasileiro de Plantas Medicinais. 2003. (Encontro).

II Congresso Brasileiro de Melhoramento de Plantas. II Congresso Brasileiro de Melhoramento de Plantas. 2003. (Congresso).

XII Congresso de Iniciação Científica - V Encontro de Pós-Graduação. XII Congresso de Iniciação Científica - V Encontro de Pós-Graduação. 2003. (Congresso).

III Encontro pedagógico.Projeto interdisciplinar de produção. 2002. (Encontro).

XI Congresso de Iniciação Científica - IV Encontro de Pós-Graduação. XI Congresso de Iniciação Científica - IV Encontro de Pós-Graduação. 2002. (Congresso).

III Seminário Estadual Plantas Vivas - Fórum pela vida. 2001. (Seminário).

Simpósio de Alimentos Minimamente Processados. 2001. (Simpósio).

A nova educaçào profissional: perspectivas para o ensino técnico. 2000. (Seminário).

A Reforma da Educação Profissional. 2000. (Outra).

II Encontro Nacional de Estágios. 1999. (Encontro).

I Seminário da Área Agrícola - preparatório para o fórum da reforma da educaçào profissional no Rio grande do Sul. 1999. (Seminário).

Semana dos cursos do CAVG. 1999. (Outra).

XI Encontro de professores das Escolas Agrotécnicas e Agrícolas Federais da Região Sul.Participação no XI Encontro de professores das Escolas Agrotécnicas e Agrícolas Federais da Região Sul. 1999. (Encontro).

II Seminário de Validação da Proposta Curricular do Curso de Agropecuária. 1998. (Seminário).

Palestra Perfil Profissional para o Mercado de Trabalho. 1998. (Outra).

V Congresso de Educação Tecnológica dos Países do Mercosul. 1998. (Congresso).

XI Encontro de Professores das Escolas Agrícolas e Agrotécnicas Federais da Região Sul (XI EPEAF).Coordenador da sub-comissão científica do XI Encontro de Professores das Escolas Agrícolas e Agrotécnicas Federais da Região Sul (XI EPEAF). 1998. (Encontro).

XI Encontro de Professores das Escolas Agrícolas e Agrotécnicas Federais da Região Sul (XI EPEAF).Membro da Coordenação Geral do XI Encontro de Professores das Escolas Agrícolas e Agrotécnicas Federais da Região Sul (XI EPEAF). 1998. (Encontro).

II Seminário Internacional do Sistema Plantio Direto. 1997. (Seminário).

IV Semana Integrada dos Cursos. 1997. (Outra).

X EPEAAF.X Encontro de Professores de Escolas Agrotécnicas e Agrícola Federais da Região Sul. 1997. (Encontro).

VIII Reunião Estadual de Biotecnologia Vegetal. 1995. (Encontro).

40º Congresso Nacional de Genética. Herança da estatura de planta e comprimento da panícula principal no cruzamento entre Avena sativa L e Avena sterilis L. e Avaliação da variabilidade de caracteres de morfologia de espigueta em cruzamento interespecífico em aveia.. 1994. (Congresso).

Reunião Anual da SBPC. Avaliação da variabilidade de caracteres de morfologia de espigueta em Avena sativa L., Avena sterilis L. e em gerações segregantes do cruzamento interespecífico e Avaliação da incidência de ferrugem da folha da aveia (Puccinia coronata avenae) em genótip. 1993. (Congresso).

XIII Reunião da Comissão Sulbrasileira de Pesquisa de Aveia.Avaliação da incidência de ferrugem da folha da aveia (Puccinia coronata avenae) em genótipos de Avena sativa L., Avena sterilis L. e em gerações segregantes.. 1993. (Outra).

Simpósio Biotecnologia na Agropecuária. 1989. (Simpósio).

XVIII Reunião Técnica Anual do Sorgo. 1989. (Outra).

Ciclo de Palestras: Agrotóxicos, usos e alternativas. 1988. (Outra).

IV Seminário Regional de Apicultura. 1988. (Seminário).

Jornada de Direito Agrário. 1988. (Outra).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

Aluno: Joan da Silva Theis

MAUCH, C. R.;MARIOT, M.P.; IGANCI, J. R. V.; GUARINO, E. S. G.. Estudo etnobotânico de plantas alimentícias não convencionais (PANC): saberes e sabores da agricultura familiar em São Lourenço do Sul, RS.. 2019. Dissertação (Mestrado em Sistemas de Produção Agrícola Familiar) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Eduardo Reis Souto Mayor

SCHIEDECK, G.; ANJOS, F. S.;MARIOT, M.P.; HOFF, R. B.. A política nacional de plantas medicinais e fitoterápicos no município de Turuçu-RS: contribuição para sua implantação e inclusão de agricultores familiares na cadeia produtiva. 2018. Dissertação (Mestrado em Sistemas de Produção Agrícola Familiar) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Diônvera Coelho da Silva

MAUCH, C. R.;MARIOT, M.P.; SILVA, P. M.; MANICA-BERTO, R.. Atividade alelopática de diferentes partes vegetais de Achillea millefolium L. e Cymbopogon citratus (DC) Stapf sobre a germinação de sementes e o desenvolvimento inicial de sementes e plântulas de Lactuca sativa L. e Cuncumis sativus L.. 2017. Dissertação (Mestrado em Sistemas de Produção Agrícola Familiar) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Fabiane Tavares Gomes

SCHIEDECK, G.;MARIOT, M.P.; GROLLI, P. R.; PEIL, R. M. N.. Avaliação do perfil químico do óleo essencial de populações espontâneas de Tagetes minuta L. (Asteraceae) na região Sul do Rio Grande do Sul. 2017. Dissertação (Mestrado em Sistemas de Produção Agrícola Familiar) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Sheila Rodrigues Avila

MAUCH, C. R.;MARIOT, M.P.; SCHWENGBER, J. E.; PEIL, R. M. N.. A influência da adubação orgânica na preferência alimentar de Brevycorine brassicae (Homoptera: Aphidae) em Brasica oleracea var. acephala (Brassicaceae). 2017. Dissertação (Mestrado em Sistemas de Produção Agrícola Familiar) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: CRÍSTINI MILECH

BRAGA, E. J. B.MARIOT, M.P.RIBEIRO, Márcia Vaz; FARIAS, P. C. M.. Indução de compostos bioativos por elicitores em plantas de Alternanthera sessilis. 2016. Dissertação (Mestrado em Fisiologia Vegetal) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Aline Silveira Cardoso Oliveira

BARBIERI, Rosa LíaRIBEIRO, Márcia Vaz; MUNIZ, R. M.; KLEINOWSKI, A. M.; CEOLIN, T.;MARIOT, M.P.. Qualidade de espinheira-santa comercializada como droga vegetal em Pelotas. 2016. Dissertação (Mestrado em Enfermagem) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Camila Heidrich Medeiros

SCHIEDECK, G.; MAUCH, C. R.;MARIOT, M. P.. Alterações bioquímicas e fisiológicas em couve frente à aplicação de óleos essenciais de plantas bioativas e húmus de minhoca. 2015. Dissertação (Mestrado em Sistemas de Produção Agrícola Familiar) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Fátima Rosane Schuquel Klein

BRAGA, E. J. B.; BANDEIRA, J. M.;MARIOT, M. P.RIBEIRO, Márcia Vaz. Alterações bioquímicas em espécies do gênero Alternanthera quando expostas a radiação UV-B e UV-C. 2014. Dissertação (Mestrado em Fisiologia Vegetal) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Liana Viviam Ferreira

PEIL, R. M. N.;MARIOT, M. P.; LAGO, I.; GROLLI, P. R.. Análise do crescimento e da produção de ervilha torta em cultivo hidropônico sob ambiente protegido. 2013. Dissertação (Mestrado em Sistemas de Produção Agrícola Familiar) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Camila Almeida

BARBIERI, Rosa LíaMARIOT, M. P.; HECK, R. M.; MUNIZ, R. M.; KANTORSKI, L. P.. Espinheira-santa (Maytenus ilicifolia): saberes e práticas da erveiras e feirantes que comercializam a planta no centro de Pelotas. 2013. Dissertação (Mestrado em Enfermagem) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Isabel Rodrigues Brandão

BRAGA, E. J. B.; RADMANN, E. B.;MARIOT, M. P.RIBEIRO, Márcia Vaz. Uso do ácido salicílico como elicitor abiótico no cultivo in vitro de plantas de Alternanthera tenella Colla. 2012. Dissertação (Mestrado em Fisiologia Vegetal) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Tiago Pedó

MAUCH, C. R.; LOPES, N. F.; ROMBALDI, C. V.;MARIOT, M. P.. Atributos de crescimento e produtividade qualitativa de tomateiro submetido à enxertia. 2012. Dissertação (Mestrado em Sistemas de Produção Agrícola Familiar) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: MÁRCIA KASTER PORTELINHA VASCONCELOS

BARBIERI, Rosa LíaMARIOT, M. P.; SCHWARTZ, E.; KANTORSKI, L. P.; MUNIZ, R. M.. Interpretando as plantas medicinais de uma Organização Não Governamental no Sul do Brasil a partir da visão Yin/Yang da medicina tradicional chinesa.. 2012. Dissertação (Mestrado em Enfermagem) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Junior Borella

AMARANTE, LucianoMARIOT, M. P.; OLIVEIRA, A. C. B.. Alterações no metabolismo fermentativo de raízes e nódulos de soja sob condições de hipoxia e pós-hipoxia. 2011. Dissertação (Mestrado em Fisiologia Vegetal) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Josiane Santos Palma

HECK, R. M.; WOSNY, A. M.;MARIOT, M. P.. Ações dos profissionais de saúde da atenção básica em relação às plantas medicinais. 2011. Dissertação (Mestrado em Enfermagem) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Gabriele Schek

BARBIERI, Rosa Lía; SILVA, M. R. S.;MARIOT, M. P.; SCHWARTZ, E.; KANTORSKI, L. P.. Plantas medicinais e o cuidado em saúde em famílias de pomeranos do Sul do Brasil. 2011. Dissertação (Mestrado em Enfermagem) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Gilberto Arcanjo Fagundes

ELIAS, M. C.; BARBOSA, F. F.;MARIOT, M. P.. Efeitos do tempo de encharcamento sobre parâmetros de avaliação tecnológica e nutricional de arroz parboilizado. 2010. Dissertação (Mestrado em Ciência e Tecnologia Agroindustrial) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Raquel Silviana Neitzke

BARBIERI, Rosa LíaCARVALHO, F. I. F.MARIOT, M. P.; DEGENHARDT, J.. Caracterização morfológica e distância genética entre variedades de pimenta. 2008. Dissertação (Mestrado em Fitomelhoramento) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Márcia Vaz Ribeiro

BRAGA, E. J. B.BARBIERI, R. L.MARIOT, M. P.. Estabelecimento "in vitro" de espinheira-santa oriundas do banco de germoplasma da Embrapa Clima Temperado. 2008. Dissertação (Mestrado em Fisiologia Vegetal) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Milene Conceição Lima

AMARANTE, LucianoMARIOT, M. P.; MORAES, D. M.. Influência de fatores ambientais sobre o crescimento, produção de pigmentos fotossintéticos e assimilação de N em Achillea millefolium L.. 2008. Dissertação (Mestrado em Fisiologia Vegetal) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Camila Almeida

BARBIERI, Rosa Lía; CEOLIN, T.; MUNIZ, R. M.;MARIOT, M.P.; MARCHI, M. M.; LOPES, C. V.; ZILLMER, J. G. V.; VILELLA, J. C. B.. Inter-relações nas práticas de cuidado em saúde com plantas medicinais. 2019. Tese (Doutorado em Enfermagem) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: SIMONE RIBEIRO LUCHO

BRAGA, E. J. B.; PARANHOS, J. T.;RIBEIRO, Márcia VazMARIOT, M.P.; GALLI, V.. Alterações na expressão de genes da rota de biossíntese de glicosídeos de esteviol e no conteúdo de compostos bioativos induzidos por elicitores em Stevia rebaudiana Bertoni (Asteraceae). 2018. Tese (Doutorado em Fisiologia Vegetal) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Márcio Rossato Badke

BARBIERI, Rosa Lía; MARTINEZ-HERNAEZ, A.;RIBEIRO, Márcia Vaz; ALVIM, N. A. T.; BUDO, M. L. D.; MUNIZ, R. M.; CEOLIN, T.; ZILLMER, J. G. V.;MARIOT, M.P.; POVEDA, M. A. M.. Significado do uso de plantas em práticas de autoatenção em situações de padecimento. 2017. Tese (Doutorado em Enfermagem) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Milene Conceição Lima

AMARANTE, Luciano DoMARIOT, M. P.BRAGA, E. J. B.; DOURADO, M. T.; BEIRA, F.T.A.. Atividade antimicrobiana, antioxidante, crescimento, síntese de pigmentos fotossintéticos e metabólitos secundários em Achillea millefolium L. (mil-folhas) sob influência de fatores abióticos.. 2013. Tese (Doutorado em Fisiologia Vegetal) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Elisabeth Regina Tempel Stumpf

BARBIERI, Rosa Lía; BARROS, I. B. I.;MARIOT, M. P.; MENDEZ, M. E. G.; SCHWENGBER, J. E.. Floricultura regional e potencialidade ornamental de plantas nativas do sul do Rio Grande do Sul. 2007. Tese (Doutorado em Agronomia) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Leonardo Galli

NASCIMENTO, J. S.; MAUCH, C. R.; VIEGAS, J.;MARIOT, M. P.; ANTONIOLLI, Z. I.. Produção de inóculo e de basidiomas de Agaricus brasiliensis em diferentes substratos. 2007. Tese (Doutorado em Agronomia) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Marcelo Rossato

BARBIERI, Rosa LíaCASTRO, Caroline Marques; SILVESTRE, P. M.; FACHINELLO, J. C.;MARIOT, M. P.. Recursos genéticos de palmeiras do gênero Butia do Rio Grande do Sul. 2007. Tese (Doutorado em Agronomia) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Tamiris Franco Delfim

MAUCH, C. R.; BARROS, I. B. I.;MARIOT, MÁRCIO PAIM; ANTUNES, I. F.. Uso e conservação de plantas bioativas em comunidades quilombolas do Sudeste Rio-grandense. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Sistemas de Produção Agrícola Familiar) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Márcio Rossato Badke

BARBIERI, Rosa LíaRIBEIRO, Márcia Vaz; MUNIZ, R. M.;MARIOT, M. P.; BUDO, M. L. D.;HEIDEN, Gustavo; SCHWARTZ, E.; ALVIM, N. A. T.; LANGE, C.. Conhecimento popular relacionado ao uso de plantas no cuidado inicial em saúde entre as famílias rurais. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Enfermagem) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Caroline Vasconcellos Lopes

BARBIERI, Rosa Lía; HECK, R. M.; MAGNI, C. T.;MARIOT, M. P.; MUNIZ, R. M.; ANDRADE, A. P. M.; WOSNY, A.; SCHWARTZ, E.;RIBEIRO, Márcia Vaz. O cuidado no sistema informal de saúde: um enfoque cultural sobre o uso das plantas medicinais. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Enfermagem) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Fabiana Carret Timm

BRAGA, E. J. B.AMARANTE, LucianoMARIOT, M. P.. Características fisiológicas, rendimento e composição de óleo essencial de Melissa officinalis L. tratadas com reguladores de crescimento vegetal. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Fisiologia Vegetal) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Maria Eduarda de Lima dos Santos

ADOMILLI, G. K.; MACHADO, C. R. S.;MARIOT, M.P.. O uso de plantas medicinais por moradores da Ilha dos Marinheiros, Rio Grande - um estudo etnográfico. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Educação Ambiental) - Universidade Federal do Rio Grande.

Aluno: Aline Silveira Cardoso Oliveira

BARBIERI, Rosa LiaRIBEIRO, Márcia Vaz; HECK, R. M.;MARIOT, M. P.; MUNIZ, R. M.;HEIDEN, Gustavo. Qualidade de amostras secas de Maytenus ilicifolia (espinheira-santa) comercializadas no município de Pelotas. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Enfermagem) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Gabriele Schek

BARBIERI, Rosa Lía; SCHWARTZ, E.;MARIOT, M. P.; KANTORSKI, L. P.; PILLON, C.N.. Plantas medicinais e o cuidado em saúde em famílias descendentes de pomeranos no sul do Brasil. 2011. Exame de qualificação (Mestrando em Enfermagem) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Josiane Santos Palma

HECK, R. M.; SCHWARTZ, E.;BARBIERI, Rosa Lía; THOFEHRN, M. B.;MARIOT, M. P.. Aproximações entre o saber popular e o saber científico relacionado as plantas medicinais como terapia complementar. 2011. Exame de qualificação (Mestrando em Enfermagem) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Caroline Vasconcellos Lopes

HECK, R. M.; MUNIZ, R. M.;MARIOT, M. P.; VIZZOTTO, M.; MEINCKE, S. M. K.. Informantes folk em plantas medicinais no Sul do Brasil: contribuições para a enfermagem. 2010. Exame de qualificação (Mestrando em Enfermagem) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Marisa Vanini

BARBIERI, Rosa Lia; SCHWARTZ, E.;MARIOT, M. P.; SOARES, M. C.; VIZZOTTO, M.. Compreendendo o uso de plantas medicinais em um território quilombola do município de Mostardas-RS. 2009. Exame de qualificação (Mestrando em Enfermagem) - Universidade Federal de Pelotas.

Aluno: Maria Eduarda de Lima dos Santos

OLIVEIRA, A. C. C.; ABREU, D. P. G.; BROMBERGER, S. M. T.;MARIOT, M. P.; MARTINS, N. F. F.. O uso de plantas medicinais por idosos atendidos por Unidade Básica de Saúde da Família do extremo Sul do Brasil. 2015. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Residência Multiprofissional em Saúde da Família) - Universidade Federal do Rio Grande.

MARTINS, J. L.;MARIOT, M.P.; COLARES, I. G.; CHAPPER, M.; LENARDAO, E. J.; FURLONG, E. B.. Promoção à classe titular do professor Luciano do Amarante. 2018. Universidade Federal de Pelotas.

MAUCH, C. R.; HELDWEIN, A. B.;MARIOT, M. P.; RIBEIRO, D. S.; LIMA, E. P. P.; CORREA, L. A. V.. Promoção à classe de professor titular de Edgar Ricardo Schöffel. 2018. Universidade Federal de Pelotas.

MORAES, M. L. B.; MANZKE, V. H. B.; SAINZ, R. L.;MARIOT, M.P.; GUIMARAES, D. S.; ANCIUTI, M. A.. Banca para promoção à classe de professor titular do professor Wolmer Brod Peres. 2017. Universidade Federal de Pelotas.

DORNELLES, José Eduardo Figueiredo; ANCIUTI, M. A.;MARIOT, M.P.; PINTO, J. R.; MANZKE, V. H. B.. Banca para promoção à classe de professor titular da professora Vera Lúcia Bobrowski. 2017. Universidade Federal de Pelotas.

MARIOT, M. P.; BENDER, M. I. I.; BIGLIARDI, R. V.. Banca de concurso público para professor de ensino básico, técnico e tecnológico - Agricultura geral, olericultura, paisagismo e plantas ornamentais. 2010. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Sul-Rio-grandense.

BUTIERRES, Elton; AZAMBUJA, João Monteiro Veleda de;MARIOT, M. P.; USTRA, Luiz Alberto Ramos. Banca do concurso público para professor de 1 e 2 graus, área de mecanização agrícola do CAVG/UFPel. 1998. Universidade Federal de Pelotas.

MARIOT, M.P.. Coordenador da Mesa V de troca de Experiências - Área temática: saúde, na VII Mostra de produção do IFSul. 2018. Instituto Federal Sul-Rio-Grandense.

MARIOT, M.P.. Coordenador da Mesa VIII de troca de Experiências - Área temática: Meio Ambiente, na VII Mostra de produção do IFSul. 2018. Instituto Federal Sul-Rio-Grandense.

MARIOT, M.P.. Comitê científico do I Concurso Literário e Fotográfico na Temática Diversidade Cultural do IFSul, categoria Fotografia. 2018. Instituto Federal Sul-Rio-Grandense.

MARIOT, M.P.. Avaliador ad hoc do processo seletivo de bolsas de iniciação científica, editais nº 6 e 7/2016 do IFGO-Campus Iporá.. 2016. INSTITUTO FEDERAL GOIANO-CÂMPUS IPORÁ.

MARIOT, M. P.; SCHWARTZ, E.; ANCIUTI, M. A.. Banca de avaliação de defesa de estágio de Leonardo Maciel Alves, do Curso Técnico em Agropecuária. 2015. Instituto Federal Sul-Rio-Grandense.

MARIOT, M. P.. Avaliador ad hoc do processo seletivo de bolsas de iniciação científica do Instituto Federal Farroupilha. 2015. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Farroupilha.

MARIOT, M. P.. Avaliador ad hoc de projeto de pesquisa para bolsa de iniciação científica e tecnológica do Instituto Federal de Brasília. 2015. Instituto Federal de Brasília.

MARIOT, M. P.; BICCA, Francisco Motta; RECH, T. B.. Banca de avaliação de defesa de estágio do Curso Técnico em Agropecuária de Dyellen Garcia Vasconcelos. 2014. Instituto Federal Sul-Rio-Grandense.

MARIOT, M. P.; BICCA, Francisco Motta; RECH, T. B.. Banca de avaliação de defesa de estágio do Curso Técnico em Agropecuária de Tadeu Moreira Pieper. 2014. Instituto Federal Sul-Rio-Grandense.

MARIOT, M. P.. Avaliador ad hoc do processo seletivo de bolsas de iniciação científica do Instituto Federal Goiano. 2014. Instituto Federal Goiano.

MARIOT, M. P.. Parecerista ad hoc de projetos de pesquisa do Instituto Federal de Brasília. 2014. Instituto Federal de Brasília.

MENEZES, A. M. D.;MARIOT, M. P.; RECH, T. B.. Banca de defesa de estágio de Ramão Gustavo Rico Timm (Técnico em Agropecuária). 2014. Instituto Federal Sul-Rio-Grandense.

FISCHER, Síntia ZitzkeSTUMPF, Elisabeth Regina TempelMARIOT, M. P.. Seleção de candidatos para ingresso no Curso de Especialização Técnica de Nível Médio em Produção e Uso de Plantas Ornamentais e Bioativas. 2013. Instituto Federal Sul-Rio-Grandense.

NEBEL, A. L. C.; NEVES, L. A.;MARIOT, M. P.. Defesa de estágio do Curso Técnico em Agropecuária de Diego Vahl Cousen. 2013. Instituto Federal Sul-Rio-Grandense.

MARIOT, M. P.. Avaliação de apresentações orais e de pôsteres na Área de Ciências Agrárias da VI Jornada de Iniciação Científica e Tecnológica do IFSul. 2013. Instituto Federal Sul-Rio-Grandense.

MARIOT, M. P.; GUTERRES, P. R.; RECH, T. B.. Banca de defesa de estágio do Curso Técnico em Agropecuária do aluno Andrio de Medeiros. 2013. Instituto Federal Sul-Rio-Grandense.

PEREIRA, L. M. R.;MARIOT, M. P.; DIAS, P. A.. Banca de avaliação de defesa de estágio do Curso Técnico em Agropecuária de Eliezer de Souza Pires. 2013. Instituto Federal Sul-Rio-Grandense.

MARIOT, M. P.; COSTA, J. C. C.; GONCALVES, F. M.. Banca de avaliação de defesa de estágio do Curso Técnico em Agropecuária de Edinilson Henrique das Neves. 2013. Instituto Federal Sul-Rio-Grandense.

ZITZKE, V. A.;MARIOT, M. P.; VILLELA, J. D.. Banca de avaliação de defesa de estágio do Curso Técnico em Vestuário de Ingrid Sias Vieira. 2013. Instituto Federal Sul-Rio-Grandense.

AL-ALAM, L. A. W.;MARIOT, M. P.; VILLELA, J. D.. Banca de avaliação de defesa de estágio do Curso Técnico em Vestuário de Tanaina Pontes Mota. 2013. Instituto Federal Sul-Rio-Grandense.

PETER, Marcelo Zaffalon;MARIOT, M. P.; VANIER, N. L.. Banca de avaliação de defesa de estágio do Curso Técnico em Agroindústria de Nataniéle Burguês da Silva. 2013. Instituto Federal Sul-Rio-Grandense.

PETER, Marcelo Zaffalon;MARIOT, M. P.; VANIER, N. L.. Banca de avaliação de defesa de estágio do Curso Técnico em Agroindústria de Priscila do Couto Müller. 2013. Instituto Federal Sul-Rio-Grandense.

MONTEIRO, M. L. S.;MARIOT, M. P.; PEREIRA, F. M.. Banca de avaliação de defesa de trabalho de conclusão do Curso Técnico em Meio Ambiente de Yasmin dos Santos Lourenço (Estudo de caso: a Casa do Caminho e o cultivo e produção de plantas bioativas).. 2013. Instituto Federal Sul-Rio-Grandense.

MARIOT, M. P.. Avaliação de apresentações orais e Pôsters na V Jornada da Iniciação Científica e Tecnológica do IFSul. 2012. Instituto Federal Sul-Rio-Grandense.

ROCHA, M. P.;MARIOT, M. P.. Membro da banca de elaboração de provas de biologia para o Programa de Avaliação da Vida Escolar (PAVE) da UFPel. 2012.

STUMPF, Elisabeth Regina TempelFISCHER, Síntia ZitzkeMARIOT, M. P.. Seleção de candidatos para ingresso no Curso de Especialização Técnica de Nível Médio em Produção e Uso de Plantas Ornamentais e Bioativas. 2012.

MARIOT, M. P.. Avaliação de 7 pôsters na IV jornada da Iniciação Científica e Tecnológica do IFSul. 2011. Instituto Federal Sul-Rio-Grandense.

MARIOT, M. P.. Avaliação de 2 apresentações orais na IV jornada da Iniciação Científica e Tecnológica do IFSul. 2011. Instituto Federal Sul-Rio-Grandense.

ROCHA, M. P.;MARIOT, M. P.. Membro da banca de elaboração de provas de biologia para o Programa de Avaliação da Vida Escolar (PAVE) da UFPel. 2011. Universidade Federal de Pelotas.

STUMPF, Elisabeth Regina TempelFISCHER, Síntia ZitzkeMARIOT, M. P.. Seleção de candidatos para ingresso no Curso de Especialização Técnica de Nível Médio em Produção e Uso de Plantas Ornamentais e Bioativas. 2011.

MARIOT, M. P.; ROCHA, M. P.. Membro da banca de elaboração de provas do vestibular da UFPel - Biologia. 2009. Universidade Federal de Pelotas.

MARIOT, M. P.; ROCHA, M. P.. Membro da banca de elaboração de provas do vestibular da UFPel - Biologia. 2008. Universidade Federal de Pelotas.

FARIAS, P. C. M.;MARIOT, M. P.. Revisor do trabalho "A utilização de resíduos do Conjunto Agrotécnico Visconde da Graça em projeto de educação ambiental" para ser apresentado no XVII CIC da UFPel. 2008. Universidade Federal de Pelotas.

MARIOT, M. P.; ROCHA, M. P.. Membro da banca de elaboração de provas do vestibular da UFPel - Biologia. 2007. Universidade Federal de Pelotas.

MARIOT, M. P.; WENDT, M. R.. Revisor do trabalho "A utilização de resíduos do Conjunto Agrotécnico Visconde da Graça em projeto de educação ambiental" para ser apresentado no XVI CIC da UFPel. 2007. Universidade Federal de Pelotas.

MACHADO, Avelino Nunes; ROCHA, M.S.;MARIOT, M. P.. Banca de seleção de professor substituto na área de agricultura do CAVG/UFPel. 2006. Universidade Federal de Pelotas.

MARIOT, M. P.; ROCHA, M. P.. Membro da banca de elaboração de provas do vestibular da UFPel - Biologia. 2006. Universidade Federal de Pelotas.

DORNELLES, José Eduardo;MARIOT, M. P.; MARLA. Membro da banca de elaboraçào da prova de vestibular da UFPel - Área de biologia. 2005. Universidade Federal de Pelotas.

MARIOT, M. P.; DORNELLES, José Eduardo; ROCHA, M. P.. Membro da banca de correção da prova de biologia do vestibular da UFPel. 2005. Universidade Federal de Pelotas.

MARIOT, M. P.; ALVES, Gilberto Demari; NOBRE, José Luiz de Oliveira; MACHADO, Avelino Nunes. Presidente da banca de seleção para professor substituto da disciplina de agricultura do CAVG/UFPel. 2004. Universidade Federal de Pelotas.

MARIOT, M. P.; BICHO, Carla de Lima; AZEREDO, Denise Moreira. Membro da banca de elaboração de prova de vestibular da UFPel - Área de biologia. 2004. Universidade Federal de Pelotas.

MARIOT, M. P.; BICHO, Carla de Lima; AZEREDO, Denise Moreira. Membro da banca de correção da prova de biologia do vestibular da UFPel. 2004. Universidade Federal de Pelotas.

MARIOT, M. P.; BICHO, Carla de Lima; AZEREDO, Denise Moreira. Membro da banca de elaboração da prova de vestibular da UFPel - Área de biologia. 2003. Universidade Federal de Pelotas.

MARIOT, M. P.; BICHO, Carla de Lima; AZEREDO, Denise Moreira. Membro da banca de correção da prova de biologia do vestibular da UFPel. 2003. Universidade Federal de Pelotas.

MARIOT, M. P.; BICHO, Carla de Lima; AZEREDO, Denise Moreira. Membro da banca de elaboração da prova de vestibular da UFPel - Área de Biologia. 2002. Universidade Federal de Pelotas.

MARIOT, M. P.; BICHO, Carla de Lima; AZEREDO, Denise Moreira. Membro da banca de correção da prova de biologia do vestibular da UFPel. 2002. Universidade Federal de Pelotas.

MARIOT, M. P.; RESEM, José Augusto; NOBRE, José Luiz. Banca para avaliação do pedido de progressão funcional do professor Avelino Nunes Machado, da classe E2 para E3. 2002. Universidade Federal de Pelotas.

NOBRE, José Luiz;MARIOT, M. P.; FRANCO, Sandra. Banca para avaliação do pedido de progressão funcional da professora Fernanda Rahal Silveira, da classe E1 para E2. 2001. Universidade Federal de Pelotas.

DORNELLES, José Eduardo;BARBIERI, Rosa LíaMARIOT, M. P.. Membro da banca de elaboração de questões do vestibular da UFPel - área de Biologia. 2001. Universidade Federal de Pelotas.

DORNELLES, José Eduardo;BARBIERI, Rosa LíaMARIOT, M. P.. Membro da banca de correção da prova de biologia do vestibular da UFPel. 2001. Universidade Federal de Pelotas.

MARIOT, M. P.. Aplicação e correção das provas de seleção do CAVG-UFPel. 2001. Universidade Federal de Pelotas.

MARIOT, M. P.. Aplicação e correção das provas de seleção do CAVG-UFPel. 2000. Universidade Federal de Pelotas.

MARIOT, M. P.; COSTA, Amauri Costa da; HOLSBACH, João Alberto. Presidente da banca de seleção para professor substituto das disciplina de Produção Agropecuária e Agroindustrial e Agricultura do CAVG/UFPel. 1999. Universidade Federal de Pelotas.

MARIOT, M. P.; COSTA, Amauri Costa da; PETER, Marcelo Zaffalon; MELLO, Maria Erenilda da Silva Pereira de. Banca de seleçào para professor substituto da disciplina de Industrialização, higiene e conservaçào de Alimentos do CAVG/UFPel. 1999. Universidade Federal de Pelotas.

MARIOT, M. P.; NOBRE, Jose Luiz de Oliveira; STEPHAN, Hugo Roberto Kastrup. Banca para avaliação do pedido de progressão funcional da prof. Fernanda Hahal Silveira da classe D4 para E1. 1999. Universidade Federal de Pelotas.

MARIOT, M. P.. Aplicação e correção das provas de seleção do CAVG-UFPel. 1999. Universidade Federal de Pelotas.

MARIOT, M. P.. Aplicação e correção das provas de seleção do CAVG-UFPel. 1998. Universidade Federal de Pelotas.

MARIOT, Márcio Paim;MARIOT, M. P.. Aplicação e correção das provas de seleção do CAVG-UFPel. 1997. Universidade Federal de Pelotas.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Fernando Irajá Félix de Carvalho

CARVALHO, Fernando Irajá FélixBARBIERI, Rosa Lia; SERENO, Maria Jane Cruz de Melo; MITTELMANN, Andréa; REIS, Maurício Sedrez dos. Recursos genéticos de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia e M. equifolium) no Rio Grande do Sul. 2005. Tese (Doutorado em Agronomia) - Universidade Federal de Pelotas.

Andrisa Kemel Zanella

ZANELLA, Andrisa Kemel; GIORDANO, D.. O PROFESSOR-PERSONAGEM E SUAS RELAÇÕES NO ENSINO DE TEATRO PARA CRIANÇAS. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Teatro) - Universidade Federal de Pelotas.

CAROLINE MARQUES CASTRO

CASTRO, C. M.MITTELMANN, AndréaCARVALHO, Fernando Irajá Félix deBARBIERI, Rosa Lia. Maytenus. 2004. Exame de qualificação (Doutorando em Agronomia) - Universidade Federal de Pelotas.

Andrea Mittelmann

BARBIERI, Rosa LiaCARVALHO, F. I. F.SERENO, M. J. C. M.; REIS, M. S.;MITTELMANN, A.. Recursos genéticos de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia e Maytenus aquifolium) no Rio Grande do Sul. 2005. Tese (Doutorado em Agronomia) - Universidade Federal de Pelotas.

Andrea Mittelmann

BARBIERI, Rosa LiaCARVALHO, F. I. F.CASTRO, Caroline MarquesMITTELMANN, A.. Variabilidade genética em espinheira-santa (Maytenus ilicifolia). 2004. Exame de qualificação (Doutorando em Agronomia) - Universidade Federal de Pelotas.

Rosa Lia Barbieri

BARBIERI, R. L.CARVALHO, F. I. F.MITTELMANN, A.; SERENO, M. J. C. M.; REIS, M. S.. Recursos genéticos de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia e Maytenus aquifolium) no Rio Grande do Sul. 2005. Tese (Doutorado em Curso de Pós Graduação Em Agronomia) - Universidade Federal de Pelotas.

Rosa Lia Barbieri

BARBIERI, R. L.CARVALHO, F. I. F.CASTRO, C. M.MITTELMANN, A.. Variabilidade genética para produção de metabólitos secundários e correlação com caracteres morfológicas em espinheira-santa. 2005. Exame de qualificação (Doutorando em Agronomia) - Universidade Federal de Pelotas.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Orientou

Mellina Morais Costa

Estágio do Curso Técnico em Agropecuária; Início: 2014; Orientação de outra natureza; Instituto Federal Sul-Rio-Grandense; (Orientador);

Bruna Costa da Silva

Estágio do Curso Técnico em Agropecuária; Início: 2014; Orientação de outra natureza; Instituto Federal Sul-Rio-Grandense; (Orientador);

Willian Silveira Araujo

Olericultura; Início: 2012; Orientação de outra natureza; Instituto Federal Sul-Rio-Grandense; (Orientador);

Lucas Schneider Lopes

Olericultura; Início: 2012; Orientação de outra natureza; Instituto Federal Sul-Rio-Grandense; (Orientador);

Lissane Borges Valério Rodrigues

Propagação vegetativa e caracterização de metabólitos secundários de plantas de Cordia verbenaceae DC; submetidas a diferentes condições de crescimento; 2014; Dissertação (Mestrado em Fisiologia Vegetal) - Universidade Federal de Pelotas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Coorientador: Márcio Paim Mariot;

Milene Conceição Lima

Influência de níveis de sombreamento sobre o crescimento, produção de pigmentos fotossintéticos e assimilação de nitrogênio em mil-folhas (Achillea millefolium L; ); 2009; Dissertação (Mestrado em Fisiologia Vegetal) - Universidade Federal de Pelotas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Coorientador: Márcio Paim Mariot;

Tângela Denise Perleberg

Caracterização da morfologia floral, biologia reprodutiva e fenologia de Maytenus ilicifolia Mart; ex Reissek (Celastraceae); ; 2013; Tese (Doutorado em Agronomia) - Universidade Federal de Pelotas,; Coorientador: Márcio Paim Mariot;

Cristiana Holz Fischer

A construção de uma prática pedagógica a partir do conhecimento familiar sobre plantas medicinais; 2018; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Ciências e Tecnologias na Educação) - Instituto Federal Sul-Rio-Grandense; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Marcelo Jardim

Potencial de uso do capim-limão nativo como alternativa ao capim-limão exótico; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Técnico em Agropecuária) - Instituto Federal Sul-Rio-Grandense, Instituo Federal Sul-rio-grandense; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Bruna Martins da Rosa

Polinização, dispersão e viabilidade de sementes de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia Mart; ex Reiss; ); 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Técnico em Agropecuária) - Instituto Federal Sul-Rio-Grandense, Instituo Federal Sul-rio-grandense; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Lucas da Silva Barbosa

Polinização, dispersão e viabilidade de sementes de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia Mart; ex Reiss; ); 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Agroindústria) - Instituto Federal Sul-Rio-Grandense, Instituo Federal Sul-rio-grandense; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Tamires Ebeling da Silva

Caracterização morfológica, bioquímica e análise da fenologia e biologia floral em acessos de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia Mart; ex Reiss; ); 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Gestão Ambiental) - Instituto Federal Sul-Rio-Grandense, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Josiane Mendonça Vitória

Caracterização morfológica, bioquímica e análise da fenologia e biologia floral em acessos de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia Mart; ex Reiss; ); 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Gestão Ambiental) - Instituto Federal Sul-Rio-Grandense, Instituo Federal Sul-rio-grandense; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Tamires Ebeling da Silva

Avaliação de caracteres de importância agronômica e de compostos bioativos em acessos de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia Mart; ex; Reiss; ); 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Gestão Ambiental) - Instituto Federal Sul-Rio-Grandense, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Gabriel Cardoso Hartwig

Avaliação de caracteres de importância agronômica e de compostos bioativos em acessos de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia Mart; ex Reiss; ); 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Gestão Ambiental) - Instituto Federal Sul-Rio-Grandense, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Gabriel Weizenmann Fernandes

Estudo de plantas medicinais na sanidade animal; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Técnico em Agropecuária) - Instituto Federal Sul-Rio-Grandense, Instituo Federal Sul-rio-grandense; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Gabriel Cardoso Hartwig

Caracterização morfológica, bioquímica e análise da fenologia e biologia floral em acessos de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia Mart; ex Reiss; ); 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Gestão Ambiental) - Instituto Federal Sul-Rio-Grandense, Instituo Federal Sul-rio-grandense; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Gabriel Weizenmann Fernandes

Identificação de plantas bioativas com potencial de uso como preventivo a mamite em bovinos de leite e para o controle de pragas de grãos armazenados; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Técnico em Agropecuária) - Instituo Federal Sul-rio-grandense, Instituo Federal Sul-rio-grandense; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Amanda Ferreira Vargas

Propagação de espinheira-santa (Maytenus muelleri Schwacke); 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Técnico em Agropecuária) - Instituto Federal Sul-Rio-Grandense; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Fernanda Medeiros Zacarias

Seleção de genótipo superiores de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia Mart; ex Reissek) com base em caracteres de importância agronômica; ; 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Gestão Ambiental) - Instituto Federal Sul-Rio-Grandense, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Tamires Ebeling da Silva

Resgate, caracterização, conservação e promoção do uso dos recursos genéticos de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia Mart; ex Reissek e Maytenus aquifolium Mart; ); 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Gestão Ambiental) - Instituto Federal Sul-Rio-Grandense, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Paula renata Molina da Silva

Propagação de espinheira-santa (Maytenus muelleri Schwanche); 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Técnico em Agropecuária) - Instituto Federal Sul-Rio-Grandense; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Fernanda Medeiros Zacarias

Seleção de genótipo superiores de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia Mart; ex Reissek) com base em caracteres de importância agronômica; ; 2011; Iniciação Científica; (Graduando em Gestão Ambiental) - Instituto Federal Sul-Rio-Grandense, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Josiane Mendonça Vitória

Resgate, caracterização, conservação e promoção do uso de recursos genéticos de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia e M; aquifolium); 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Tecnologia em Gestão Ambiental) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Sul-Rio-grandense, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Fernanda Zacarias

Seleção de genótipos superiores de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia Mart; ex Reissek) com base em caracteres de importância agronômica; 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Tecnologia em Gestão Ambiental) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Eva Loiraci Siqueira Costa

Caracterização de aceesos de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia); 2007; Iniciação Científica; (Graduando em Técnico em Agropecuária) - Universidade Federal de Pelotas, Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Paulo Ricardo Baier Siqueira

Recursos genéticos em espinheira-santa (Maytenus ilicifolia): caracterização de progênies do Banco Ativo de Germoplasma; 2007; Iniciação Científica; (Graduando em Técnico em Agropecuária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Leticia Lacerda Gonçalves

Recursos genéticos em espinheira-santa (Maytenus ilicifolia); 2006; Iniciação Científica; (Graduando em Técnico em Agropecuária) - Universidade Federal de Pelotas, Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Ricardo Silveira Medeiros

Atividade da peroxidase, teor de clorofila e acúmulo de matéria seca em dois genótipos de soja (Glycine max (L; ) Merril) influenciados pelo sulfentrazone; 1996; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Federal de Pelotas, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Leandro Kabke Wally

Atividade da peroxidase e compostos fenólicos totais em aspargo; 1995; 0 f; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Federal de Pelotas, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Dyéllen Garcia Vasconcelos

Estágio Curricular na Secretaria de Agricultura de Camaquã; 2014; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Instituto Federal Sul-Rio-Grandense; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Daniel Jacobsen Rollof

Estágio do Curso Técnico em Agropecuária; 2014; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Instituto Federal Sul-Rio-Grandense; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Maria Leci Drawanz Göetzke

ECOFARMA: aprendendo sobre plantas medicinais; 2014; Orientação de outra natureza; (Espec; técnica em plantas ornamentais e bioativas) - Instituto Federal Sul-Rio-Grandense, Instituo Federal Sul-rio-grandense; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Eder Ribeiro Fonseca

Relatório de estágio do Curso Técnico em Agropecuária - Área: Melhoramento de plantas para agroenergia; 2013; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Instituto Federal Sul-Rio-Grandense; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Andrio de Medeiros

Estágio Curricular co Curso Técnico em Agropecuária; 2013; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Instituto Federal Sul-Rio-Grandense; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Brenda Claro Schneider

Estágio do Curso Técnico em Agropecuária; 2013; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Instituto Federal Sul-Rio-Grandense; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Jederson Luis Ferreira Borges

Plantas medicinais; 2012; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Instituto Federal Sul-Rio-Grandense; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Pietro Giocomim Conte

Plantas medicinais e ornamentais; 2012; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Instituto Federal Sul-Rio-Grandense; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Daniele Brandstetter Rodrigues

Avaliação da mesofauna e das propriedades físicas do solo; 2012; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Instituto Federal Sul-Rio-Grandense; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Lucas Victória Rezende

Plantas medicinais e ornamentais; 2012; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Instituto Federal Sul-Rio-Grandense; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Thiago Pinto Xavier

Análise de sementes; 2012; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Instituto Federal Sul-Rio-Grandense; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Gisele Cruz da Costa

Estágio do Curso Técnico em Agropecuária; 2012; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Instituto Federal Sul-Rio-Grandense; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Éderson Lopes Souza

Estágio em melhoramento genético de plantas (arroz-irrigado, trigo e aveia); 2011; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Sul-Rio-grandense; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Paulo Roberto Girão da Silva

Agrometeorologia; 2011; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Instituto Federal Sul-Rio-Grandense; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Nilton Cesar Marques Junior

Plantas medicinais e ornamentais; 2011; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Instituto Federal Sul-Rio-Grandense; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Micael Machado da Silva

Plantas medicinais e ornamentais; 2010; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Raquel Farias Cardozo

Plantas medicinais; 2010; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Estéfani Madeira Manzke

Estágio do Curso Técnico em Agropecuária; 2010; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Eva Giovane Netto Dias

Estágio do Curso Técnico em Agropecuária; 2010; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Maria Antônia Rodrigues Peil

Estágio do Curso Técnico em Agropecuária; 2010; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Taine Martins Machado

Estágio do Curso Técnico em Agropecuária; 2010; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Rodrigo Koglin Nizola

Estágio do Curso Técnico em Agropecuária; 2009; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Henrique Danielowiski

Plantas Medicinais; 2008; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Maria Eduarda Dode

Agronegócio; 2008; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Pablo Castro

Plantas Medicinais; 2008; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Robson Botelho Mattos

Controle de pragas de grãos armazenados; 2008; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Rodrigo Nizola

Plantas Medicinais; 2008; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcio Paim Mariot;

JÚCELIO P

Duarte; Caracterização de progênies de espinheira-santa; 2007; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Janaina S

da Rosa; Produção de plantas medicinaiis, condimentares e aromáticas; 2007; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Eva Giovane Netto Dias

Produção caseira de fitoterápicos (xarope, sabão medicinal, pomada e tintura); 2007; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Maria Leci Drawanz Götzke

Produção de fitoterápicos (sabão medicinal, xaropes, pomadas e tinturas); 2007; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Eva Loiraci Siqueira Costa

Plantas Medicinais; 2007; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Paulo Ricardo Baier Siqueira

Plantas Medicinais; 2007; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Maria Leci Drawanz Götzke

Plantas Medicinais; 2007; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Eva Giovane Netto Dias

Plantas Medicinais; 2007; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Leticia Lacerda Gonçalves

Estágio do Curso Técnico em Agropecuária; 2007; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Cristiano Dietrich Ferreira

Produção de plantas medicinais, condimentares e aromáticas; 2006; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Luiz Carlos Pilz

Produção de plantas medicinais, condimentares e aromáticas; 2001; Orientação de outra natureza; (Técnico em Agropecuária) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Márcia Marlisa Silva Nobre

Produção de Plantas Medicinais; 2000; 20 f; Orientação de outra natureza - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Tatiana Medeiros dos Santos

Produção de plantas medicinais; 2000; 20 f; Orientação de outra natureza - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Silvia Andréia Garibaldi Pereira

Produção de plantas medicinais; 2000; 20 f; Orientação de outra natureza - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Carlos Eugênio Costa da Silva

Produção de plantas medicinais; 2000; 20 f; Orientação de outra natureza - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Márcio Paim Mariot;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Maria Jane Cruz de Melo Sereno

Avaliações morfológicas e agronômicas nos genótipos parentais e gerações segregantes do curzamento entre Avena sativa L e Avena sterilis L; ; 1993; 0 f; Dissertação (Mestrado em Fitotecnia) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Maria Jane Cruz de Melo Sereno;

Taís Ferreira

O professor-personagem e suas relações no ensino de teatro para crianças; 2018; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Teatro) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Taís Ferreira;

Taís Ferreira

Teatro e educação entre Brasil e Itália: modelos, processos e formação; 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Teatro) - Universidade Federal de Pelotas; Orientador: Taís Ferreira;

Rosa Lia Barbieri

Recursos genéticos de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia e Maytenus aquifolium) no Rio Grande do Sul; 2005; 131 f; Tese (Doutorado em Agronomia) - Universidade Federal de Pelotas,; Orientador: Rosa Lía Barbieri;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • FERREIRA, T. ; MARIOT, M.P. . Normativas educacionais para o ensino de teatro no Brasil e na Itália: um exercício reflexivo-comparativo. Urdimento (UDESC) , v. 1, p. 96-109, 2019.

  • HOLZ FISCHER, CRISTIANA ; TEMPEL STUMPF, ELISABETH REGINA ; MARIOT, Marcio Paim . A construção de uma prática pedagógica a partir do conhecimento familiar sobre plantas medicinais. Revista Educar Mais , v. 3, p. 56-68, 2019.

  • PETERS, MÔNICA ; GAYER, CLÓVIS ; MARIOT, MÁRCIO ; CHAGAS, DOMITILA . Cultivos didáticos como proposta de interdisciplinaridade e de aproximação da comunidade acadêmica com atores do agronegócio. REVISTA THEMA , v. 14, p. 309-317, 2017.

  • PERLEBERG, T. D. ; BARBIERI, Rosa Lia ; MARIOT, M.P. . Conservação ex situ de germoplasma de espinheira-santa. RGNews , v. 3, p. 79-85, 2017.

  • STUMPF, Elisabeth Regina Tempel ; SILVA, PATRICK DA SILVA ; ROMAGNOLI, ISADORA DIAS ; FISCHER, Síntia Zitzke ; MARIOT, MÁRCIO PAIM . Espécies nativas que podem substituir as exóticas no paisagismo. Ornamental Horticulture , v. 21, p. 165-172, 2015.

  • FISCHER, S.Z. ; STUMPF, E.R.T. ; MARIOT, M.P. . Maytenus ilicifolia - a plant with many possibilities. Acta Horticulturae , v. 1, p. 517-520, 2015.

  • VITORIA, J. M. ; ZACARIAS, F. M. ; MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lía ; PINTO, J. R. . Ocorrência de cochonilhas em espinheira-santa (Maytenus ilicifolia Mart. ex Reissek). REVISTA BRASILEIRA DE PLANTAS MEDICINAIS (IMPRESSO) , v. 15, p. 176-179, 2013.

  • LIMA, M. C. ; AMARANTE, Luciano ; MARIOT, M. P. ; SERPA, R. . Crescimento e produção de pigmentos fotossintéticos em Achillea millefolium L. cultivada sob diferentes níveis de sombreamento e doses de nitrogênio. Ciência Rural (UFSM. Impresso) , v. 41, p. 45-50, 2011.

  • RIBEIRO, Márcia Vaz ; BIANCHI, V. J. ; RODRIGUES, I. C. S. ; MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lia ; PETERS, J. A. ; BRAGA, E. J. B. . Diversidade genética entre acessos de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia Mart. ex Reis.) coletados no estado do Rio Grande do Sul, Brasil. Revista Brasileira de Plantas Medicinais (Impresso) , v. 12, p. 443-451, 2010.

  • MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lia . Divergência genética entre acessos de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia Mart. ex Reissek e M. aquifolium Mart.) com base em caracteres morfológicos e fisiológicos. Revista Brasileira de Plantas Medicinais (Impresso) , v. 12, p. 243-249, 2010.

  • MARIOT, M. P. ; BARBIERI, R. L. ; CORREA, Fabiano ; BENTO, L.H.G. . Variabilidade genética para caracteres morfológicos e fisiológicos em espinheira-santa [Maytenus ilicifolia (Schrad.) Planch. e M. aquifolium Mart.]. Revista Brasileira de Plantas Medicinais , v. 11, p. 310-316, 2009.

  • MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lía ; SINIGAGLIA, Cledimara ; RIBEIRO, Márcia Vaz . Variabilidade em matrizes de acessos de espinheira-santa. Ciência Rural , v. 38, p. 351-357, 2008.

  • MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lía . Metabólitos secundários e propriedades medicinais da espinheira-santa (Maytenus ilicifoila Mart. ex Reiss. e M. aquifolium Mart.). Revista Brasileira de Plantas Medicinais , v. 9, p. 89-99, 2007.

  • MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lía . O conhecimento popular associado ao uso da espinheira-santa (Maytenus ilicifolia e M. aquifolium). Revista Brasileira de Biociências (Online) , v. 5, p. 666-668, 2007.

  • MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lía . Caracteres fisiológicos em progênies de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia e M. aquifolium). Revista Brasileira de Biociências (Impresso) , v. 5, p. 798-800, 2007.

  • MARIOT, M. P. ; SINIGAGLIA, C. ; BENTO, L.H.G. ; BARBIERI, Rosa Lía ; RIBEIRO, Márcia Vaz ; HEIDEN, Gustavo . Recursos genéticos em espinheira-santa (Maytenus ilicifolia Mart. ex Reiss.): caracterização e conservação. Revista Brasileira de Agroecologia (Online) , v. 1, p. 463-466, 2006.

  • BARBIERI, Rosa Lía ; CASTRO, Caroline Marques ; CHOER, Eva ; RASEIRA, Maria Do Carmo Bassols ; LEITE, Daniela Lopes ; CASTRO, Luis A Suita de ; PEREIRA, Arione da Silva ; MIURA, Adalberto Koiti ; GARRASTAZÚ, Marilice Cordeiro ; OLIVEIRA, Roberto Pedroso de ; MARIOT, M. P. ; SINIGAGLIA, Cledimara ; BENTO, Lúcia Helena G ; DORNELLES, José Eduardo Figueiredo . Bancos ativos de germoplasma da Embrapa Clima Temperado. Revista Brasileira de Agroecologia (Online) , v. 1, p. 459-462, 2006.

  • MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lía ; SINIGAGLIA, C. ; BENTO, Lúcia Helena G ; RIBEIRO, Márcia Vaz . Presença do arilo na produção de mudas de Maytenus ilicifolia.. Ciência Rural , v. 35, p. 468-470, 2005.

  • STUMPF, Elisabeth Regina Tempel ; BARBIERI, Rosa Lia ; SINIGAGLIA, Cledimara ; MARIOT, M. P. ; CHOER, Eva ; CASTRO, Caroline Marques ; ROMANO, Cátia Maria . Potencial de inflorescências de cenoura como flor de corte. Revista Brasileira de Agrociência , Pelotas - RS, v. 9, n.3, p. 237-240, 2003.

  • AMARANTE, Luciano Do ; COLARES, Denise dos Santos ; MARIOT, M. P. ; FORTES, Gerson Renan de Luces ; ZANELLA, Fábio ; ALVES, Alexandre . Influências do ácido naftaleno acético e escuro e atividade da peroxidase no enraizamento in vitro de aspargo (Asparagus officinalis L.). Revista Brasileira de Agrociência , Pelotas - RS, v. 7, n.1, p. 4-9, 2001.

  • MARIOT, M. P. ; SERENO, M. J. C. M. ; FEDERIZZI, L. C. ; CARVALHO, F. I. F. . Herança da estatura de planta e comprimento da panícula principal no cruzamento entre Avena sativa L. e Avena sterilis L.. Pesquisa Agropecuária Brasileira , Brasília, v. 34, n.1, p. 77-82, 1999.

  • MARIOT, M. P. ; SERENO, M. J. C. M. ; FEDERIZZI, L. C. ; CARVALHO, F. I. F. . Avaliação da incidência da ferrugem da folha e ferrugem do colmo em cruzamento interespecífico em aveia.. Pesquisa Agropecuária Brasileira , Brasília, v. 33, n.9, p. 1481-1486, 1998.

  • ROSENTHAL, M. D. ; BOTTON, Marcos ; AMARANTE, Luciano Do ; MARIOT, M. P. ; MEZZOMO, Jorge Alexandre ; GUSMÃO, Luciana Guerra de . Informações preliminares sobre inseticidas indicados para o controle de lagartas da soja nas revendas do Rio Grande do Sul.. Lavoura Arrozeira , Porto Alegre, v. 46, n.407, p. 11-13, 1993.

  • MARIOT, MÁRCIO PAIM . Plantas bioativas como preventivo à mastite em bovinos de leite. In: PETERS, M.D.P.; WICKBOLDT, K.R.; BOLKE, D.R.; GAYER, C.A.P.. (Org.). Manejo de ordenha e qualidade do leite. 1ed.Pelotas: Santa Cruz, 2016, v. , p. 35-38.

  • MARIOT, M. P. ; HEIDEN, Gustavo ; CASTRO, Luis Antônio Suita . Propriedades nutracêuticas. In: Rosa Lía Barbieri. (Org.). Cebola: ciência, arte e história. 2ed.Brasília-DF: Embrapa Informação Tecnológica, 2007, v. , p. 117-122.

  • MARIOT, M. P. . Banco ativo de germoplasma de espinheira-santa. Conservação 'ex situ' de recursos genéticos na Embrapa Clima Temperado (Documentos, 143).. Pelotas: Embrapa Clima Temperado, 2005, v. , p. 21-21.

  • MARIOT, M. P. ; HEIDEN, Gustavo ; CASTRO, Luis A Suita de . Propriedades nutracêuticas e medicinais. In: Rosa Lía Barbieri. (Org.). Cebola: ciência, arte e história. 1ªed.Pelotas: Embrapa Clima Temperado, 2005, v. , p. 9-154.

  • BICHO, Carla de Lima ; AZEREDO, Denise Moreira ; MARIOT, M. P. . Biologia.. In: Wania Branco de Araújo Brauner.. (Org.). Analisando provas interdisciplinares e analítico-expositivas: processo seletivo verão 2004.. Pelotas: Centro Especializado em Seleção - UFPel, 2004, v. , p. 171-183.

  • BICHO, Carla de Lima ; AZEREDO, Denise Moreira ; MARIOT, M. P. . Biologia. In: Wania Branco de Araújo Brauner. (Org.). Analisando provas interdisciplinares e analítico-expositivas: processo seletivo verão 2003.. Pelotas: Centro Especializado em Seleção - UFPel, 2003, v. , p. 171-185.

  • MARIOT, M. P. ; BICHO, Carla de Lima ; AZEREDO, Denise Moreira ; MARTINS, Alexandro Brayer ; CUNHA FILHO, Nilton Azevedo da . Biologia. In: Wania Branco de Araújo Brauner.. (Org.). Analisando provas interdisciplinares e analítico-expositivas: processo seletivo verão 2002. Pelotas: Centro Especializado em Seleção - UFPel, 2002, v. , p. 193-209.

  • ROSENTHAL, Mariane D'ávila ; BOTTON, Marcos ; AMARANTE, Luciano Do ; MARIOT, M. P. ; MEZZOMO, Jorge Alexandre ; GUSMÃO, Luciana Guerra de . Inseticidas recomendados para a cultura da soja nas revendas de agrotóxicos no Rio grande do Sul. Revista Trigo e Soja, Porto Alegre - RS, , v. 117, p. 17 - 20.

  • CAMPOS, R. P. ; FERREIRA, T. ; MARIOT, M.P. ; BESSA, G. R. . TEATRO E EDUCAÇÃO ENTRE BRASIL E ITÁLIA: PRIMEIROS OLHARES. In: III Seminário Internacional Ensino da Arte, 2017, Pelotas-RS. Anais do III Seminário Internacional Ensino da Arte. Pelotas-RS: UFPel, 2017.

  • RIBEIRO, Márcia Vaz ; RODRIGUES, I. C. S. ; BARBIERI, R. L. ; MARIOT, M. P. ; PETERS, J. A. ; BIANCHI, V. J. ; BRAGA, E. J. B. . Estabelecimento in vitro de espinheira-santa oriundas do banco de germoplasma da Embrapa Clima Temperado, Pelotas, RS. In: Congrega URCAMP 2008 - VI Jornada de Pós-Graduação e Pesquisa, 2008, Bagé-RS. Congrega URCAMP 2008 - VI Jornada de Pós-Graduação e Pesquisa, 2008.

  • MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lia ; SINIGAGLIA, Cledimara ; MIURA, Adalberto Koiti . Variabilidade e distribuição geográfica de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia) no Estado do Rio Grande do Sul. In: II Congresso Brasileiro de Melhoramento de Plantas, 2003, Porto Seguro - BA. II Congresso Brasileiro de Melhoramento de Plantas, 2003.

  • MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lia ; SINIGAGLIA, Cledimara ; RIBEIRO, Márcia Vaz ; SILVEIRA, Simone da Rosa . Dissimilaridade entre genótipos de Maytenus ilicifolia (espinheira-santa) de uma população do Rio Grande do Sul. In: II Congresso Brasileiro de Melhoramento de Plantas, 2003, Porto Seguro - BA. II Congresso Brasileiro de Melhoramento de Plantas, 2003.

  • BARBIERI, Rosa Lia ; LEITE, Daniela Lopes ; CHOER, Eva ; SINIGAGLIA, Cledimara ; MARIOT, M. P. . Similaridade genética entre acessos do banco ativo de germoplasma de cebola. In: II Congresso Brasileiro de Melhoramento de Plantas, 2003, Porto Seguro - BA. II Congresso Brasileiro de Melhoramento de Plantas, 2003.

  • CASTRO, Caroline Marques ; MARIOT, M. P. ; SINIGAGLIA, Cledimara ; BARBIERI, Rosa Lia ; CHOER, Eva ; LEITE, Daniela Lopes . Variabilidade genética em acessos do banco ativo de germoplasma de cenoura da Embrapa Clima Temperado. In: II Congresso Brasileiro de Melhoramento de Plantas, 2003, Porto Seguro - BA. II Congresso Brasileiro de Melhoramento de Plantas, 2003.

  • STUMPF, Elisabeth Regina Tempel ; SINIGAGLIA, Cledimara ; BARBIERI, Rosa Lia ; MARIOT, M. P. ; CHOER, Eva ; CASTRO, Caroline Marques ; ROMANO, Cátia Maria . Potencial de inflorescências de cenoura para uso ornamental: variabilidade genética para cor de flor, formato de inflorescência e duração de hastes florais após o corte. In: II Congresso Brasileiro de Melhoramento de Plantas, 2003, Porto Seguro - BA. II Congresso Brasileiro de Melhoramento de Plantas, 2003.

  • MARIOT, M. P. ; TAVARES, Maria Jane Cruz de Mello Sereno ; FEDERIZZI, L. C. ; CARVALHO, F. I. F. . Avaliação da incidência de ferrugem da folha da aveia (Puccinia coronata avenae) em genótipos de Avena sativa L., Avena sterilis L. e em gerações segregantes.. In: XIII Reunião da Comissão Sulbrasileira de Pesquisa de Aveia, 1993, Ijuí. XIII Reunião da Comissão Sulbrasileira de Pesquisa de Aveia: Trabalhos apresentados. Ijuí-RS: COTRIJUÍ, 1993.

  • CAMPOS, R. P. ; BESSA, G. R. ; MARIOT, M.P. ; FERREIRA, T. . PEDAGOGIAS DO TEATRO: UMA PRIMEIRA APROXIMAÇÃO ENTRE BRASIL E ITÁLIA. In: XXVI Congresso de Iniciação Científica da UFPel, 2017, Pelotas-RS. Anais do XXVI Congresso de Iniciação Científica da UFPel. Pelotas-RS: UFPel, 2017.

  • KRUGER, A. P. ; SANTOS, P. M. ; CARVALHO, L. ; MARIOT, M. P. ; PINTO, J. R. . BIOATIVIDADE DE EXTRATOS DE CINAMOMO, Melia azedarach L., sobre Sitophilus zeamais Mots.(Coleoptera: Curculionidae). In: XX Congresso de Iniciação Científica, 2011, Pelotas. XX Congresso de Iniciação Científica. Pelotas: UFPel, 2011.

  • MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lía . Divergência em matrizes de acessos de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia) com base em caracteres morfológicos. In: Encontro de iniciação científica e de pós-graduação da Embrapa Clima Temperado, 2006, Pelotas-RS. Anais do Encontro de iniciação científica e de pós-graduação da Embrapa Clima Temperado. Pelotas-RS: Embrapa Clima Temperado, 2006. p. 87-90.

  • MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lia ; CORREA, Fabiano ; LOUZADA, Renata Salvador ; HEIDEN, Gustavo . Banco de germoplasma de espinheira-santa: coleta, caracterização e conservação de uma espécie ameaçada. In: II Congresso Brasileiro de Agroecologia - V Seminário Internacional sobre Agroecologia - VI Seminário Estadual sobre Agroecologia, 2004, Porto Alegre - RS. II Congresso Brasileiro de Agroecologia - V Seminário Internacional sobre Agroecologia - VI Seminário Estadual sobre Agroecologia, 2004.

  • STUMPF, Elisabeth Regina Tempel ; FISCHER, Síntia Zitzke ; HEIDEN, Gustavo ; MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lia ; LOPES, Madelon Schimmelpfening . Uso ornamental da flora nativa do Rio Grande do Sul. In: Fórum Latino-Americano de Plantas Ornamentais, 2004, Nova Petrópolis - RS. Fórum Latino-Americano de Plantas Ornamentais - Caderno de Resumos, 2004. p. 83-84.

  • BAARBIERI, Rosa Lia ; CASTRO, Caroline Marques ; CHOER, Eva ; RASEIRA, Maria Do Carmo Bassols ; LEITE, Daniela Lopes ; CASTRO, Luis A Suita de ; PEREIRA, Arione da Silva ; MIURA, Adalberto Koiti ; GARRASTAZÚ, Marilice Cordeiro ; OLIVEIRA, Roberto Pedroso de ; MARIOT, M. P. ; SINIGAGLIA, Cledimara ; BENTO, Lúcia Helena G ; DORNELLES, José Eduardo Figueiredo . Bancos ativos de germoplasma da Embrapa Clima Temperado. In: I Congresso Brasileiro de Agroecologia - IV Seminário Internacional sobre Agroecologia - V Seminário Estadual sobre Agroecologia, 2003, Porto Alegre - RS. I Congresso Brasileiro de Agroecologia - IV Seminário Internacional sobre Agroecologia - V Seminário Estadual sobre Agroecologia, 2003.

  • MARIOT, M. P. ; SINIGAGLIA, Cledimara ; BENTO, Lúcia Helena G ; BARBIERI, Rosa Lia ; RIBEIRO, Márcia Vaz ; HEIDEN, Gustavo . Recursos genéticos em espinheira-santa (Maytenus ilicifolia Mart. ex Reiss.): caracterização e conservação. In: I Congresso Brasileiro de Agroecologia - IV Seminário Internacional sobre Agroecologia - V Seminário Estadual sobre Agroecologia, 2003, Porto Alegre - RS. I Congresso Brasileiro de Agroecologia - IV Seminário Internacional sobre Agroecologia - V Seminário Estadual sobre Agroecologia, 2003.

  • MARIOT, M.P. ; AVILA, L. S. ; ZANELLA, A. K. . O professor-personagem no ensino de teatro: experiência pedagógica na pré-escola. In: V Encontro Nacional de Pedagogia das Artes Cênicas, 2018, Florianópolis. V Encontro Nacional de Pedagogia das Artes Cênicas. Florianópolis: UDESC, 2018.

  • MEZZOMO, H. ; SCHINDLER, M. S. Z. ; MARINS, K. ; REGGINATO, A. ; ZANATTA, A. P. ; RADUNZ, A. L. ; MARIOT, MÁRCIO ; MAGRO, J. D. ; ZANATTA, L. . AVALIAÇÃO DO POTENCIAL ANTIDIABÉTICO DO EXTRATO A116 DE ESPINHEIRA SANTA ( M aytenus ilicifolia ). In: 8º Seminário Integrado de Ensino, Pesquisa e Extensão da Unochapecó, 2018, Chapecó-SC. Anais do 8º Seminário Integrado de Ensino, Pesquisa e Extensão da Unochapecó. Chapecó-SC: UNOCHAPECO, 2018.

  • BESSA, G. R. ; CAMPOS, R. P. ; MARIOT, M.P. ; FERREIRA, T. . Normativas públicas para o ensino de teatro nas escolas: comparativo entre Brasil e Itália. In: V Encontro Nacional de Pedagogia das Artes Cênicas, 2018, Florianópolis. V Encontro Nacional de Pedagogia das Artes Cênicas. Florianópolis: UDESC, 2018.

  • SCHINDLER, M. S. Z. ; FROZZA, C. B. ; ANZOLLIN, G. ; RADUNZ, A. L. ; MARIOT, M.P. ; MAGRO, J. D. ; ZANATTA, L. . POTENCIAL ANTIDIABÉTICO DE EXTRATOS DE ESPINHEIRA-SANTA (Maytenus ilicifolia) in vitro: ATIVIDADE INIBITÓRIA SOBRE AS DISSACARIDASES INTESTINAIS. In: 7º Seminário Integrado de Ensino, Pesquisa e Extensão (SIEPE)/1º Encontro de Pesquisa da Pós-Graduação (EPPG), 2017, Chapecó-SC. Anais do 7º SIEPE e 1º EPPG. Chapecó-SC: UNOCHAPECÓ, 2017.

  • LIMA, M. C. ; MARINI, P. ; MORAES, C. L. ; LARRE, C. F. ; BORELLA, J. ; DEUNER, S. ; MARIOT, M.P. ; AMARANTE, Luciano Do . Ascorbate and malondialdehyde levels in leave of Achillea miUefolium L. grown under different ligth conditions. In: XXXI Reunión Argentina de Fisiologia Vegetal, 2016, Corrientes, Argentina. XXXI Reunión Argentina de Fisiologia Vegetal, 2016. p. 168-168.

  • URRUTIA, T. ; CRUZ, C. S. ; MARIOT, M.P. . Teatro para cidadania. In: Mostra de Produção do IFSul, 2016, Santana do Livramento. Mostra de Produção do IFSul-2016. Pelotas: IFSul, 2016.

  • MARIOT, M. P. ; GOTZKE, M. L. D. ; FISCHER, Síntia Zitzke ; STUMPF, Elisabeth Regina Tempel . ECOFARMA: compartilhando conhecimento sobre plantas medicinais. In: III Fórum Mundial de Educação Profissional e Tecnológica, 2015, Recife. III Fórum Mundial de Educação Profissional e Tecnológica, 2015.

  • LUCENA, W. F. ; JARDIM, M. ; MARIOT, M. P. ; FISCHER, Síntia Zitzke . Organização da coleção de plantas bioativas do Campus Pelotas-Visconde da Graça/IFSul. In: 9ª Reunião Técnica Estadual sobre Plantas Bioativas, 2015, São Lourenço do Sul. Anais da 9ª Reunião Técnica Estadual sobre Plantas Bioativas. São Lourenço do Sul: 9RTEPB, 2015. p. 41-42.

  • RODRIGUES, L. B. V. ; LUCHO, S. R. ; MILECH, C. ; KLEINOWSKI, A. M. ; MARIOT, M. P. ; BRAGA, E. J. B. ; AMARANTE, Luciano Do . Estabelecimento in vitro de erva-baleeira. In: 9ª Reunião Técnica Estadual sobre Plantas Bioativas, 2015, São Lourenço do Sul. Anais da 9ª Reunião Técnica Estadual sobre Plantas Bioativas. São Lourenço do Sul: 9RTEPB, 2015. p. 59-61.

  • JARDIM, M. ; FISCHER, Síntia Zitzke ; MARIOT, M. P. . Experiências de trabalho com plantas bioativas em uma comunidade terapêutica. In: 9ª Reunião Técnica Estadual sobre Plantas Bioativas, 2015, São Lourenço do Sul. Anais da 9ª Reunião Técnica Estadual sobre Plantas Bioativas. São Lourenço do Sul: 9RTEPB, 2015. p. 101-102.

  • PERLEBERG, T. D. ; SILVA, T. E. ; VITORIA, J. M. ; MAGALHAES, R. S. C. ; GOMES, G. C. ; MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lía . Aves dispersoras de sementes dos acessos do banco ativo de germoplasma de espinheira-santa. In: 10º Simpósio de Recursos Genéticos para a América Latina e o Caribe, 2015, Bento Gonçalves. Anais do 10º Simpósio de Recursos Genéticos para a América Latina e o Caribe. Pelotas: Embrapa Clima Temperado, 2015. p. 169-169.

  • FISCHER, Síntia Zitzke ; MARIOT, M.P. ; MELO, T. V. ; MELO, A. V. ; JARDIM, M. . Jardins funcionais terapêuticos. In: 33º Seminário de Extensão Universitária da Região Sul, 2015, Bagé-RS. 33º SEURS. Bagé-RS: UNIPAMPA, 2015.

  • GENTILINI, F. P. ; LOURENCO, Y. S. ; MACHADO, I. R. ; CONTREIRA, C. L. ; MARIOT, M. P. ; ANCIUTI, M. A. . Capim cidreira na dieta de poedeiras semipesadas. In: Avesui 2014 - XIII Seminário Técnico Científico de Aves e Suínos, 2014, Florianópolis-SC. Anais do XIII Seminário Técnico Científico de Aves e Suínos. Florianópolis-SC: Avesui, 2014.

  • FISCHER, Síntia Zitzke ; STUMPF, Elisabeth Regina Tempel ; MARIOT, M. P. . Maytenus ilicifolia, a plant with many possibilities. In: 29th International Horticultural Congress, 2014, Brisbane. 29th International Horticultural Congress, 2014.

  • STUMPF, Elisabeth Regina Tempel ; FISCHER, Síntia Zitzke ; MARIOT, M. P. ; ROMAGNOLI, I. D. ; SILVA, P. S. ; LOUZADA, J. O. . Medicinal native plants in landscaping. In: 29th International Horticultural Congress, 2014. 29th International Horticultural Congress, 2014.

  • MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lía . Collecting espinheira-santa in southern Brazil: an endangered native medicinal plant. In: 29th International Horticultural Congress, 2014, Brisbane. 29th International Horticultural Congress, 2014.

  • FERNANDES, G. W. ; MARIOT, M. P. ; CARVALHO, F. H. ; SILVA, L. F. ; PINTO, J. R. . Identificação de plantas bioativas com potencial de uso como preventivo a mamite em bovinos de leite e para o controle de pragas de grãos armazenados. In: 7ª Jornada de Iniciação Científica, 2014, Bagé. Anais da 7ª Jornada de Iniciação Científica. Pelotas: IFSul, 2014. p. 37.

  • SILVA, P. S. ; PERLEBERG, T. D. ; SILVA, T. E. ; MAGALHAES, R. S. C. ; MARIOT, M. P. . Biologia floral e fenologia reprodutiva em Maytenus ilicifolia (espinheira-santa). In: 7ª Jornada de Iniciação Científica, 2014, Bagé. Anais da 7ª Jornada de Iniciação Científica. Pelotas: IFSul, 2014. p. 51.

  • MAGALHAES, R. S. C. ; PERLEBERG, T. D. ; MARIOT, M. P. ; VITORIA, J. M. ; SILVA, T. E. . Biologia floral e fenologia reprodutiva em Maytenus ilicifolia (espinheira-santa). In: 7ª Jornada de Iniciação Científica, 2014, Bagé. Anais da 7ª Jornada de Iniciação Científica. Pelotas: IFSul, 2014. p. 52.

  • VITORIA, J. M. ; MARIOT, M. P. ; SILVA, P. S. ; MAGALHAES, R. S. C. ; PERLEBERG, T. D. . Caracterização morfológica, bioquímica e análise da fenologia e biologia floral em acessos de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia Mart. ex Reiss.). In: 7ª Jornada de Iniciação Científica, 2014, Bagé. Anais da 7ª Jornada de Iniciação Científica. Pelotas: IFSul, 2014. p. 71.

  • SILVA, T. E. ; MARIOT, M. P. ; VITORIA, J. M. ; SILVA, P. S. ; PERLEBERG, T. D. . Caracterização morfológica, bioquímica e análise da fenologia e biologia floral em acessos de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia Mart. ex Reiss.). In: 7ª Jornada de Iniciação Científica, 2014, Bagé. Anais da 7ª Jornada de Iniciação Científica. Pelotas: IFSul, 2014. p. 72.

  • GOTZKE, M. L. D. ; MARIOT, M. P. ; FISCHER, Síntia Zitzke . ECOFARMA: aprendendo sobre plantas medicinais. In: 3ª Mostra de Extensão do IFSul, 2014, Bagé. Anais da 3ª Mostra de Extensão do IFSul. Pelotas: IFSul, 2014. p. 77.

  • MELO, A. V. ; MELO, T. V. ; FISCHER, Síntia Zitzke ; MARIOT, M. P. . Projeto Visconde da Graça: Hortas escolares como fator de educação ambiental e alimentar. In: 3ª Mostra de Extensão do IFSul, 2014, Bagé. Anais da 3ª Mostra de Extensão do IFSul. Pelotas: IFSul, 2014. p. 105.

  • SILVA, T. E. ; HARTWIG, G. C. ; PERLEBERG, T. D. ; MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lía . Ramificação desde a base e estatura de planta em acessos de Maytenus ilicifolia Martius ex Reissek. In: XIV Congresso Brasileiro de Fisiologia Vegetal, 2013, Poços de Caldas-MG. Livro de resumos 2013 do XIV Congresso Brasileiro de Fisiologia Vegetal. Lavras-MG: Universidade Federal de Lavras, 2013. p. 119-119.

  • ROMAGNOLI, I. D. ; STUMPF, Elisabeth Regina Tempel ; FISCHER, Síntia Zitzke ; MARIOT, M. P. ; PERLEBERG, T. D. . Uso ornamental de espécies medicinais nativas no Rio Grande do Sul. In: VI Jornada de Iniciação Científica do IFSul, 2013, Pelotas-RS. VI Jornada de Iniciação Científica do IFSul. Pelotas-RS: IFSul, 2013.

  • BARBOSA, L. S. ; FISCHER, Síntia Zitzke ; STUMPF, Elisabeth Regina Tempel ; MARIOT, M. P. ; PERLEBERG, T. D. . Prospecção de plantas nativas e/ou naturalizadas no Escudo Sul-rio-grandense com potencial de uso ornamental. In: VI Jornada de Iniciação Científica do IFSul, 2013, Pelotas-RS. VI Jornada de Iniciação Científica do IFSul. Pelotas-RS: IFSul, 2013.

  • SILVA, P. S. ; STUMPF, Elisabeth Regina Tempel ; FISCHER, Síntia Zitzke ; MARIOT, M. P. ; PERLEBERG, T. D. . Propagação de plantas nativas no Bioma Pampa com potencial ornamental. In: VI Jornada de Iniciação Científica do IFSul, 2013, Pelotas-RS. VI Jornada de Iniciação Científica do IFSul. Pelotas-RS: IFSul, 2013.

  • SILVA, T. E. ; HARTWIG, G. C. ; MARIOT, M. P. ; PERLEBERG, T. D. ; STUMPF, Elisabeth Regina Tempel ; FISCHER, Síntia Zitzke . Morfologia foliar em Maytenus ilicifolia. In: VI Jornada de Iniciação Científica do IFSul, 2013, Pelotas-RS. VI Jornada de Iniciação Científica do IFSul. Pelotas-RS: IFSul, 2013.

  • HARTWIG, G. C. ; SILVA, T. E. ; MARIOT, M. P. ; PERLEBERG, T. D. ; STUMPF, Elisabeth Regina Tempel ; BARBIERI, Rosa Lía . Fenologia reprodutiva de Maytenus ilicifolia Mart. ex Reissek. In: VI Jornada de Iniciação Científica do IFSul, 2013, Pelotas-RS. VI Jornada de Iniciação Científica do IFSul. Pelotas-RS: IFSul, 2013.

  • FERNANDES, G. W. ; MARIOT, M. P. ; SILVEIRA, P. A. S. ; HAX, L. T. ; GENTILINI, F. P. ; FISCHER, Síntia Zitzke . Plantas bioativas na prevenção de mastite em bovinos de leite. In: VI Jornada de Iniciação Científica do IFSul, 2013, Pelotas-RS. VI Jornada de Iniciação Científica do IFSul. Pelotas-RS: IFSul, 2013.

  • MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lia . Uso popular da espinheira-santa (Maytenus muelleri Schwacke, sin.: Maytenus ilicifolia Mart. ex Reiss.) no Rio Grande do Sul. In: III Congresso Iberoamericano de Fitoterapia, I Congresso Brasileiro de Fitoterapia, I Jornada de Fitoterapia do Paraná, 2012, Foz do Iguaçu-PR. Anais do III Congresso Iberoamericano de Fitoterapia. Foz do Iguaçu: ABFIT, 2012.

  • DUTRA, L. F. ; VITORIA, J. M. ; ZACARIAS, F. M. ; MARIOT, Márcio Paim ; MARIOT, M. P. ; DONINI, L. P. . Methodology for in vitro establishment of Maytenus ilicifolia Mart. ex Reissek. In: X Simposio Internacional de Biotecnologia Vegetal, 2012, Villa Clara, Cuba. X Simposio Internacional de Biotecnologia Vegetal - Resúmenes/Abstracts. Villa Clara, Cuba: Universidad Central 'Marta Abreu' de Las Villas, 2012. p. 2-3.

  • ZACARIAS, F. M. ; SILVA, T. E. ; VITORIA, J. M. ; MARIOT, Márcio Paim ; MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lía . Variabilidade para ramificação desde a base em acessos de espinheira-santa (Maytenus muelleri). In: V Jornada de Iniciação Científica e Tecnológica e I Mostra de Extensão do IFSul, 2012, Sapucaia do Sul. V Jornada de Iniciação Científica e Tecnológica e I Mostra de Extensão do IFSul. Pelotas: IFSul, 2012.

  • SILVA, T. E. ; ZACARIAS, F. M. ; VITORIA, J. M. ; MARIOT, Márcio Paim ; MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lía . Avaliação da estatura de planta e diâmetro a base do caule em acessos de Maytenus muelleri. In: V Jornada de Iniciação Científica e Tecnológica e I Mostra de Extensão do IFSul, 2012, Sapucaia do Sul. V Jornada de Iniciação Científica e Tecnológica e I Mostra de Extensão do IFSul. Pelotas: IFSul, 2012.

  • VARGAS, A. F. ; SILVA, L. A. B. C. ; ZACARIAS, F. M. ; VITORIA, J. M. ; SILVA, P. S. ; MARIOT, Márcio Paim ; MARIOT, M. P. . Substratos para semeadura de espinheira-santa (Maytenus muelleri). In: V Jornada de Iniciação Científica e Tecnológica e I Mostra de Extensão do IFSul, 2012, Sapucaia do Sul. V Jornada de Iniciação Científica e Tecnológica e I Mostra de Extensão do IFSul. Pelotas: IFSul, 2012.

  • ZACARIAS, F. M. ; SILVA, T. E. ; VITORIA, J. M. ; MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lía . Variability for traits of agronomic importance in acessions of Maytenus ilicifolia. In: XXII Simpósio de Plantas Medicinais do Brasil, 2012, Bento Gonçalves-RS. XXII Simpósio de Plantas Medicinais do Brasil. Porto Alegre: UFRGS, 2012.

  • KRUGER, A. P. ; SANTOS, P. M. ; PINTO, J. R. ; SILVA, G. A. ; SILVA, L. F. ; PEREIRA, R. G. ; MARIOT, M. P. . Ação repelente de Mentha spicata sobre Sitophilus zeamais Mots. (Coleoptera: Curculionidae) em milho armazenado. In: XXIV Congresso Brasileiro de Entomologia, 2012, Curitiba-PR. XXIV Congresso Brasileiro de EntomologiaSociedade. Curitiba-PR: Sociedade Entomológica do Brasil, 2012.

  • CASTRO, J. N. P. ; FISCHER, Síntia Zitzke ; STUMPF, Elisabeth Regina Tempel ; MARIOT, M. P. . Características ornamentais de espécies nativas no escudo-sul-rio-grandense. In: V Jornada de Iniciação Científica e Tecnológica e I Mostra de Extensão do IFSul, 2012, Sapucaia do Sul-RS. V Jornada de Iniciação Científica e Tecnológica do IFSul. Pelotas-RS: IFSul, 2012.

  • SILVA, P. S. ; STUMPF, Elisabeth Regina Tempel ; MARIOT, M. P. ; FISCHER, Síntia Zitzke . Caracterização ornamental de plantas nativas no Bioma Pampa. In: V Jornada de Iniciação Científica e Tecnológica e I Mostra de Extensão do IFSul, 2012, Sapucaia do Sul-RS. V Jornada de Iniciação Científica e Tecnológica do IFSul. Pelotas-RS: IFSul, 2012.

  • TORRES, A. M. ; MARQUES JUNIOR, N. C. ; STUMPF, Elisabeth Regina Tempel ; MARIOT, M. P. ; FISCHER, Síntia Zitzke . Os setores produtivos de plantas ornamentais e de plantas bioativas nos municípios de Pelotas, Capão do Leão e Morro Redondo. In: V Jornada de Iniciação Científica e Tecnológica e I Mostra de Extensão do IFSul, 2012, Sapucaia do Sul-RS. V Jornada de Iniciação Científica e Tecnológica do IFSul. Pelotas-RS: IFSul, 2012.

  • LOUZADA, J. O. ; STUMPF, Elisabeth Regina Tempel ; MARIOT, M. P. ; FISCHER, Síntia Zitzke . Plantas medicinais nativas no Bioma Pampa para uso ornamental. In: V Jornada de Iniciação Científica e Tecnológica e I Mostra de Extensão do IFSul, 2012, Sapucaia do Sul-RS. V Jornada de Iniciação Científica e Tecnológica do IFSul. Pelotas-RS: IFSul, 2012.

  • ZACARIAS, F. M. ; VITORIA, J. M. ; DUTRA, L. F. ; MARIOT, Márcio Paim ; MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lía ; DONINI, L. P. . Citocininas no estabelecimento in vitro de segmentos nodais de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia Mart. ex Reissek). In: V Congresso Brasileiro de Cultura de Tecidos de Plantas, 2011, Joinvile. V Congresso Brasileiro de Cultura de Tecidos de Plantas. Joinvile: ABCTP, 2011.

  • VITORIA, J. M. ; ZACARIAS, F. M. ; DUTRA, L. F. ; MARIOT, Márcio Paim ; MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lía ; DONINI, L. P. . Micropropagação de espinheira santa (Maytenus ilicifolia Mart. ex Reissek) a partir de segmentos nodais. In: V Congresso Brasileiro de Cultura de Tecidos de Plantas, 2011, Joinvile. V Congresso Brasileiro de Cultura de Tecidos de Plantas. Joinvile: ABCTP, 2011.

  • ZACARIAS, F. M. ; VITORIA, J. M. ; MARIOT, Márcio Paim ; MARIOT, M. P. ; DUTRA, L. F. ; BARBIERI, Rosa Lía ; DONINI, L. P. . Germinação de sementes de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia Mart. ex Reissek) in vitro. In: IV Jornada de Iniciação Científicae e Tecnológica do IFSul, 2011, Pelotas. IV Jornada de Iniciação Científicae e Tecnológica do IFSul. Pelotas: IFSul, 2011.

  • VITORIA, J. M. ; ZACARIAS, F. M. ; DUTRA, L. F. ; MARIOT, Márcio Paim ; MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lía ; DONINI, L. P. . Estabelecimento in vitro de segmentos nodais de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia Mart. ex Reissek). In: IV Jornada de Iniciação Científicae e Tecnológica do IFSul, 2011, Pelotas. IV Jornada de Iniciação Científicae e Tecnológica do IFSul. Pelotas: IFSul, 2011.

  • MARIOT, M. P. ; BARBIERI, R. L. . Caracterização dos ambientes de ocorrência de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia Mart. ex Reiss. e M. aquifolium Mart.) no Rio Grande do Sul. In: XXI Simpósio de Plantas Medicinais do Brasil, 2010, João Pessoa-PB. Anais do XXI Simpósio de Plantas Medicinais do Brasil. João Pessoa: UFPB, 2010.

  • VITORIA, J. M. ; ZACARIAS, F. M. ; MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lía . Ocorrência de cochonilhas em Maytenus ilicifolia. In: III Jornada de Produção Científica da Educação Profissional e Tecnológica da Região Sul, 2010, Foz do Iguaçu-PR. Anais da III Jornada de Produção Científica da Educação Profissional e Tecnológica da Região Sul. Foz do Iguaçu-PR: IFPR, 2010.

  • ZACARIAS, F. M. ; VITORIA, J. M. ; MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lía . Variabilidade para estatura de planta e diâmetro a base do caule em acessos de Maytenus ilicifolia. In: III Jornada de Produção Científica da Educação Profissional e Tecnológica da Região Sul, 2010, Foz do Iguaçu-PR. Anais da III Jornada de Produção Científica da Educação Profissional e Tecnológica da Região Sul. Foz do Iguaçu-PR: IFPR, 2010.

  • CALDEIRA, T. L. ; DUTRA, T. ; HORBACH, F. A. ; MANKE, E. B. ; MARIOT, M. P. ; MILANI, I. I. ; PRIEBE, P. S. ; SOUZA, M. F. . Urbanização e impactos ambientais - estudo do caso: canal do Pepino, Pelotas, RS. In: IV Congresso Brasileiro de Oceanografia, 2010, Rio Grande-RS. Anais do IV Congresso Brasileiro de Oceanografia. Rio Grande-RS: FURG, 2010.

  • MARIOT, M. P. ; COSTA, E. L. S. ; BARBIERI, R. L. ; DIAS, E. G. N. ; GOTZKE, M. L. D. . Variabilidade para época de floração e frutificação em Maytenus ilicifolia. In: XII Congresso Brasileiro de Fisilogia Vegetal, 2009, Fortaleza. XII Congresso Brasileiro de Fisiologia Vegetal. Fortaleza: SBFV, 2009.

  • VANINI, M. ; CEOLIN, T. ; BARBIERI, Rosa Lía ; HECK, R. M. ; SOUZA, A. D. Z. ; MARIOT, Márcio Paim ; MARIOT, M. P. . Plantas medicinais utilizadas no tratamento de doenças da pele por quilombolas do município de Mostardas - RS. In: IX CONGRESSO BRASILEIRO DE SAÚDE COLETIVA, 2009, Recife. IX CONGRESSO BRASILEIRO DE SAÚDE COLETIVA. Recife: ABRASCO, 2009.

  • VANINI, M. ; CEOLIN, T. ; BARBIERI, Rosa Lía ; HECK, R. M. ; MESQUITA, M. K. ; MARIOT, Márcio Paim ; MARIOT, M. P. . Transmissão do conhecimento relacionado ao uso de plantas medicinais em uma comunidade quilombola. In: IX CONGRESSO BRASILEIRO DE SAÚDE COLETIVA, 2009, Recife. IX CONGRESSO BRASILEIRO DE SAÚDE COLETIVA. Recife: ABRASCO, 2009.

  • LIMA, M. C. ; SERPA, R. ; MORAES, P. O. ; CORREA, M. F. ; AMARANTE, Luciano ; GALHO, V. M. ; FREITAG, R. ; MARIOT, M. P. . Determinação do teor de umidade em plantas de Achillea millefolium. In: IV Congresso Sul-Riograndense de Biociências, 2008, Pelotas. IV Congresso Sul-Riograndense de Biociências. Pelotas: UCPel, 2008.

  • LIMA, M. C. ; SERPA, R. ; GAMA, A. C. ; RIBEIRO, G. A. ; MORAES, P. O. ; CORREA, M. F. ; AMARANTE, Luciano ; GALHO, V. M. ; FREITAG, R. ; BRETANHA, L. ; MARIOT, M. P. . Estudo da atividade do extrato hexânico de Achillea millefolium L. no crescimento de bactérias Gram-positivas. In: IV Congresso Sul-Riograndense de Biociências, 2008, Pelotas. IV Congresso Sul-Riograndense de Biociências. Pelotas: UCPel, 2008.

  • LIMA, M. C. ; SERPA, R. ; GAMA, A. C. ; RIBEIRO, G. A. ; MORAES, P. O. ; CORREA, M. F. ; AMARANTE, Luciano ; GALHO, V. M. ; FREITAG, R. ; BRETANHA, L. ; MARIOT, M. P. . Ação do extrato hexânico de Achillea millefolium L. (Asteraceae) no cultivo in vitro de cepas Gram-negativas. In: IV Congresso Sul-Riograndense de Biociências, 2008, Pelotas. IV Congresso Sul-Riograndense de Biociências. Pelotas: UCPel, 2008.

  • MARIOT, M. P. ; GOTZKE, M. L. D. ; DIAS, E. G. N. ; COSTA, E. L. S. ; SIQUEIRA, P. R. B. ; BARBIERI, R. L. . Height plant variability in progenies of espinheira-santa (Maytenus ilicifolia). In: XX Simpósio de Plantas Medicinais do Brasil - X International Congress of Ethnopharmacology, 2008, São Paulo. XX Simpósio de Plantas Medicinais do Brasil - X International Congress of Ethnopharmacology. São Paulo: SBPM, 2008.

  • LIMA, M. C. ; SERPA, R. ; GALHO, V. M. ; MORAES, P. O. ; CORREA, M. F. ; CORREA, M. D. ; CARVALHO, D. ; SCHNEIDER, L. ; MARIOT, M. P. . Teor de carotenóides em Achillea millefolium L. submetida a diferentes níveis de sombreamento e concentrações de nitrogênio. In: XVII Congresso de iniciação científica-VII Mostra de pós-graduação-IV Mostra de extensão da UCPEL, 2008, Pelotas-RS. XVII Congresso de iniciação científica-VII Mostra de pós-graduação-IV Mostra de extensão da UCPEL. Pelotas: UCPEL, 2008.

  • SERPA, R. ; LIMA, M. C. ; CORREA, M. D. ; SCHNEIDER, L. ; MARIOT, M. P. ; AMARANTE, Luciano . Teor de carotenóides em orégano após diferentes períodos de adubação nitrogenada. In: III Semana acadêmica de tecnologia ambiental, 2008, Pelotas-RS. III Semana acadêmica de tecnologia ambiental. Pelotas: CEFET-RS, 2008.

  • SERPA, R. ; LIMA, M. C. ; CORREA, M. D. ; MARIOT, M. P. ; AMARANTE, Luciano . Influência do nitrogênio e época de coleta sobre o teor de clorofilas em orégano. In: XVII Congresso de iniciação científica - X Encontro de pós-graduação da UFPel, 2008, Pelotas-RS. XVII Congresso de iniciação científica - X Encontro de pós-graduação da UFPel. Pelotas: UFPel, 2008.

  • GOTZKE, M. L. D. ; MARIOT, M. P. ; DIAS, E. G. N. ; COSTA, E. L. S. ; FONSECA, E. R. ; BARBIERI, Rosa Lia . Caracterização de matrizes de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia) do município de Pelotas: coleta de germoplasma de 2007. In: II Jornada da produção científica da educação profissional e tecnológica da Região Sul, 2008, Pelotas-RS. II Jornada da produção científica da educação profissional e tecnológica da Região Sulda. Pelotas: CEFET-RS, 2008.

  • LIMA, M. C. ; SERPA, R. ; CARVALHO, D. H. ; MARTINS, C. X. ; AMARANTE, Luciano ; GALHO, V. M. ; MORAES, P. O. ; MARIOT, M. P. . Efeitos dos níveis de sombreamento e diferentes concentrações de nitrogênio na atividade da nitrato redutase em raízes de Achillea millefolium L.. In: II Jornada da produção científica da educação profissional e tecnológica da Região Sul, 2008, Pelotas-RS. II Jornada da produção científica da educação profissional e tecnológica da Região Sulda. Pelotas: CEFET-RS, 2008.

  • LIMA, M. C. ; SERPA, R. ; GAMA, A. C. ; RIBEIRO, G. A. ; AMARANTE, Luciano ; GALHO, V. M. ; FREITAG, R. ; MARIOT, M. P. . Estudo da atividade antimicrobiana de extratos de Achillea millefolium L. pela avaliação da concentração inibitória mínima (CIM). In: II Jornada da produção científica da educação profissional e tecnológica da Região Sul, 2008, Pelotas-RS. II Jornada da produção científica da educação profissional e tecnológica da Região Sulda. Pelotas: CEFET-RS, 2008.

  • LIMA, M. C. ; SERPA, R. ; GALHO, V. M. ; MORAES, P. O. ; CORREA, M. F. ; CORREA, M. D. ; CARVALHO, D. H. ; SCHNEIDER, L. ; MARIOT, M. P. ; AMARANTE, Luciano . Efeitos de níveis de sombreamento e concentrações de nitrogênio sobre o teor de clorofila em Achillea millefolium L.. In: XVII Congresso de iniciação científica - X Encontro de pós-graduação da UFPel, 2008, Pelotas-RS. XVII Congresso de iniciação científica - X Encontro de pós-graduação da UFPel. Pelotas: UFPel, 2008.

  • LIMA, M. C. ; SERPA, R. ; GAMA, A. C. ; RIBEIRO, G. A. ; AMARANTE, Luciano ; FREITAG, R. ; MARIOT, M. P. ; GALHO, V. M. . Determinação da concentração inibitória mínima (CIM) do extrato etanólico de Achillea millefolium L.. In: XX Simpósio de Plantas Medicinais do Brasil - X International Congress of Ethnopharmacology, 2008, São Paulo. XX Simpósio de Plantas Medicinais do Brasil - X International Congress of Ethnopharmacology. São Paulo: SBPM, 2008.

  • LIMA, M. C. ; SERPA, R. ; GAMA, A. C. ; RIBEIRO, G. A. ; AMARANTE, Luciano ; GALHO, V. M. ; FREITAG, R. ; MARIOT, M. P. . Inhibitory capacity of the methanol extract of Achillea millefolium L. in bacterial growth by the disk-diffusion method. In: XX Simpósio de Plantas Medicinais do Brasil - X International Congress of Ethnopharmacology, 2008, São Paulo. XX Simpósio de Plantas Medicinais do Brasil - X International Congress of Ethnopharmacology. São Paulo: SBPM, 2008.

  • LIMA, M. C. ; SERPA, R. ; AMARANTE, Luciano ; MARIOT, M. P. ; MORAES, P. O. ; MARTINS, C. X. . Atividade da enzima nitrato redutase em Achillea millefolium L. cultivada sob diferentes concentrações de nitrogênio e níveis de sombreamento. In: XX Simpósio de Plantas Medicinais do Brasil - X International Congress of Ethnopharmacology, 2008, São Paulo. XX Simpósio de Plantas Medicinais do Brasil - X International Congress of Ethnopharmacology. São Paulo: SBPM, 2008.

  • LIMA, M. C. ; SERPA, R. ; RIBEIRO, G. A. ; GALHO, V. M. ; FREITAG, R. ; BRETANHA, L. ; AMARANTE, Luciano ; MARIOT, M. P. . Análise da atividade antibacteriana do extrato clorofórmico de Achillea millefolium L.. In: III Semana acadêmica de tecnologia ambiental, 2008, Pelotas-RS. III Semana acadêmica de tecnologia ambiental. Pelotas: CEFET-RS, 2008.

  • LIMA, M. C. ; SERPA, R. ; MORAES, P. O. ; CORREA, M. F. ; AMARANTE, Luciano ; GALHO, V. M. ; FREITAG, R. ; MARIOT, M. P. . Determinação do teor de umidade em plantas de Achillea millefolium L. (Asteraceae). In: IV Congresso Sul-Riograndense de Biociências, 2008, Pelotas-RS. IV Congresso Sul-Riograndense de Biociências. Pelotas: UCPEL, 2008.

  • MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lía . Caracteres de importância agronômica para seleção em espinheira-santa (Maytenus ilicifolia e M. aquifolium). In: III Congresso Panamericano promoción del consumo de frutas y hortalizas, 2007, Montevidéo. III Congresso Panamericano promoción del consumo de frutas y hortalizas, 2007.

  • NEVES, E. S. ; OLIVEIRA, C. A. ; WENDT, M. R. ; MARIOT, M. P. . A utilização de resíduos orgânicos de uma escola agrícola em projetos de educação ambiental. In: IV Simpósio Gaúcho de Educação Ambiental; I Fórum Estadual sobre Conservação e Uso Sustentável da Água; VXI Semana Alto Uruguai do Meio Ambiente, 2007, Erechim. V Simpósio Gaúcho de Educação Ambiental; I Fórum Estadual sobre Conservação e Uso Sustentável da Água; VXI Semana Alto Uruguai do Meio Ambiente. Erechim: Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões, 2007.

  • LIMA, M. C. ; AMARANTE, Luciano ; SERPA, R. ; RIBEIRO, G. A. ; FREITAG, R. ; SILVEIRA, C. F. ; MARIOT, M. P. . Análise da atividade antimicrobiana in vitro de extratos de Achillea millefolium L.. In: XI Congresso Brasileiro de Fisiologia Vegetal, 2007, Gramado-RS. Brazilian Journal of Plant Physiology, 2007. v. 19.

  • SIQUEIRA, P. R. B. ; COSTA, E. L. S. ; DUARTE, J. P. ; ROSA, J. S. ; MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lía . Avaliação da ramificação desde a base em espinheira-santa (Maytenus ilicifolia): acessos 116 ao 137. In: Congrega URCAMP 2007 - III Mostra de Iniciação Científica Júnior, 2007, Bagé-RS. Congrega URCAMP 2007. Bagé - RS: Universidade Regional da Campanha, 2007. v. 1. p. 162.

  • SILVEIRA, C. F. ; LIMA, M. C. ; AMARANTE, Luciano ; SERPA, R. ; RIBEIRO, G. A. ; FREITAG, R. ; MARIOT, M. P. . Análise da atividade antimicrobiana in vitro de extratos de Achillea millefolium L.. In: XV Encontro de Química da Região Sul, 2007, Ponta Grossa-PR. XV Encontro de Química da Região Sul. Ponta Grossa-PR: Universidade Estadual de Ponta Grossa, 2007.

  • LIMA, M. C. ; SERPA, R. ; RIBEIRO, G. A. ; FREITAG, R. ; SILVEIRA, C. F. ; MARIOT, M. P. ; GALHO, V. M. ; AMARANTE, Luciano . Avaliação dos efeitos do extrato aquoso de Achillea millefolium no crescimento microbiano. In: XVI Congresso de iniciação científica-VI Mostra de pós-graduação-III Mostra de extensão da UCPEL, 2007, Pelotas-RS. XVI Congresso de iniciação científica-VI Mostra de pós-graduação-III Mostra de extensão da UCPEL. Pelotas: UCPEL, 2007.

  • LIMA, M. C. ; SERPA, R. ; RIBEIRO, G. A. ; FREITAG, R. ; SILVEIRA, C. F. ; MARIOT, M. P. ; GALHO, V. M. . Efeitos dos extratos aquoso e metanólico de Achillea millefolium L. no crescimento microbiano. In: XVI Congresso de Iniciação Científica - IX Encontro de Pós-Graduação da UFPel, 2007, Pelotas-RS. XVI Congresso de Iniciação Científica - IX Encontro de Pós-Graduação da UFPel. Pelotas: UFPel, 2007.

  • MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lia . Caracteres de importância agronômica para seleção em espinheira-santa (Maytenus ilicifolia e M. aquifolium). In: 11 Congreso Nacional e 3 Congreso Panamericano promoción del consumo de Frutas y Hortalizas, 2007, Montevidéo. 11 Congreso Nacional e 3 Congreso Panamericano promoción del consumo de frutas y hortalizas. Montevidéo: SUHF, 2007.

  • SIQUEIRA, P. R. B. ; GONCALVES, L. L. ; DUARTE, J. P. ; ROSA, J. S. ; COSTA, E. L. S. ; FERREIRA, C. D. ; MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lía . Avaliação do crescimento em progênies de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia): acessos 116 ao 137. In: XVI Congresso de Iniciação Científica - IX Encontro de Pós-Graduação da UFPel, 2007, Pelotas-RS. XVI Congresso de Iniciação Científica - IX Encontro de Pós-Graduação da UFPel. Pelotas: UFPel, 2007.

  • COSTA, E. L. S. ; ROSA, J. S. ; DUARTE, J. P. ; GONCALVES, L. L. ; SIQUEIRA, P. R. B. ; MARIOT, M. P. ; BARBIERI, R. L. . Variabilidade para morfologia foliar em progênies de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia): acessos 116 ao 137. In: XVI Congresso de Iniciação Científica - IX Encontro de Pós-Graduação da UFPel, 2007, Pelotas-RS. XVI Congresso de Iniciação Científica - IX Encontro de Pós-Graduação da UFPel. Pelotas: UFPel, 2007.

  • MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lía . O conhecimento popular associado ao uso da espinheira-santa (Maytenus iliciufolia e M. aquifolium). In: 57 Congresso Nacional de Botânica, 2006, Gramado-RS. 57 Congresso Nacional de Botânica, 2006.

  • MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lía . Caracteres fisiológicos em progênies de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia e M. aquifolium).. In: 57 Congresso Nacional de Botânica, 2006, Gramado-RS. 57 Congresso Nacional de Botânica, 2006.

  • MARIOT, M. P. ; BARBIERI, R. L. . O conhecimento popular associado ao uso da espinheira-santa (Maytenus ilicifolia e M. aquifolium). In: 57 Congresso Nacional de Botânica. 13 Encontro Estadual de Botânicos. 5 Encontro Estadual de Herbários., 2006, Gramado-RS. 57 Congresso Nacional de Botânica. Gramado: SBB, 2006.

  • MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lia . Caraceres fisiológicos em progênies de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia e M. aquifolium). In: 57 Congresso Nacional de Botânica. 13 Encontro Estadual de Botânicos. 5 Encontro Estadual de Herbários., 2006, Gramado-RS. 57 Congresso Nacional de Botânica. Gramado: SBB, 2006.

  • MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lía . Variabilidade genética para caracteres morfológicos e fisiológicos em progênies de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia e M. aquifolium). In: V Simposio de Recursos Genéticos para América Latina y el Caribe, 2005, Montevideo - Uruguai. V Simposio de Recursos Genéticos para América Latina y el Caribe - Resúmenes. Montevideo - Uruguai: INEA, 2005. p. 68-68.

  • MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lía . Variabilidade genética em matrizes de acessos de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia e M. aquifolium). In: V Simposio de Recursos Genéticos para América Latina y el Caribe, 2005, Montevideo. V Simposio de Recursos Genéticos para América Latina y el Caribe - Resúmenes. Montevideo - Uruguai: INIA, 2005. p. 68-68.

  • MARIOT, M. P. ; CORREA, Fabiano ; BARBIERI, Rosa Lia . Variabilidade para morfologia foliar em espinheira-santa. In: XIV Encontro de Geneticistas do Rio Grande do Sul, 2004, Canoas - RS. XIV Encontro de Geneticistas do Rio Grande do Sul, 2004.

  • HEIDEN, Gustavo ; BARBIERI, Rosa Lia ; QUINCOZES, Eliana da Rosa Freite ; SINIGAGLIA, Cledimara ; CASTRO, Caroline Marques ; MARIOT, M. P. . O herbário da Embrapa Clima Temperado. In: XII Encontro Estadual de Botânicos - IV Encontro Estadual de Herbários, 2004, Canoas - RS. XII Encontro Estadual de Botânicos - IV Encontro Estadual de Herbários - Resumos, 2004.

  • CORRÊA, Fabiano ; MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lia . Caracterização de novos acessos do banco ativo de germoplasma de espinheira-santa. In: Congresso Sul-Riograndense de Biosciências, 2004, Pelotas. Congresso Sul-Riograndense de Biosciências - Resumos, 2004.

  • STUMPF, Elisabeth Regina Tempel ; BARBIERI, Rosa Lia ; ROMANO, Cátia Maria ; SINIGAGLIA, Cledimara ; MARIOT, M. P. ; RIBEIRO, Márcia Vaz ; CASTRO, Caroline Marques ; VIEIRA, C B ; BECKMANN, Márquila Z . Durabilidade pós-colheita de hastes florais de cenoura após armazenamento em câmara fria. In: XIV Congresso Brasileiro de Floricultura e Plantas Ornamentais - I Congresso Brasileiro de Cultura de Tecidos de Plantas, 2003, Lavras - MG. XIV Congresso Brasileiro de Floricultura e Plantas Ornamentais - I Congresso Brasileiro de Cultura de Tecidos de Plantas. Lavras - MG: Universidade Federal de Lavras, 2003. p. 59.

  • STUMPF, Elisabeth Regina Tempel ; MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lia ; SINIGAGLIA, Cledimara ; RIBEIRO, Márcia Vaz ; BENTO, Lúcia Helena G ; MEDEIROS, Antônio R M . Potencial ornamental de Maytenus ilicifolia (espinheira-santa). In: XIV Congresso Brasileiro de Floricultura e Plantas Ornamentais - I Congresso Brasileiro de Cultura de Tecidos de Plantas, 2003, Lavras - MG. XIV Congresso Brasileiro de Floricultura e Plantas Ornamentais - I Congresso Brasileiro de Cultura de Tecidos de Plantas. Lavras - MG: Universidade Federal de Lavras, 2003. p. 448.

  • MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lia ; SINIGAGLIA, Cledimara ; BENTO, Lúcia Helena G ; RIBEIRO, Márcia Vaz . Caracteres fisiológicos e morfológicos em espinheira-santa (Maytenus ilicifolia). In: I Encontro Sul-Brasileiro de Plantas Medicinais, 2003, Curitiba - PR. I Encontro Sul-Brasileiro de Plantas Medicinais, 2003.

  • BENTO, Lúcia Helena G ; MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lia ; SINIGAGLIA, Cledimara ; RIBEIRO, Márcia Vaz . Organização do banco ativo de germoplasma de Maytenus ilicifolia na Embrapa Clima Temperado. In: I Encontro Sul-Brasileiro de Plantas Medicinais, 2003, Curitiba - PR. I Encontro Sul-Brasileiro de Plantas Medicinais, 2003.

  • SINIGAGLIA, Cledimara ; MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lia ; MIURA, Adalberto Koiti . Ocorrência de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia Mart. ex Reiss.) no Estado do Rio Grande do Sul. In: I Encontro Sul-Brasileiro de Plantas Medicinais, 2003, Curitiba - PR. I Encontro Sul-Brasileiro de Plantas Medicinais, 2003.

  • MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lia ; SINIGAGLIA, Cledimara ; BENTO, Lúcia Helena G ; RIBEIRO, Márcia Vaz . Variabilidade para dias da semeadura à emergência em Maytenus ilicifolia Mart. ex Reiss. (espinheira-santa). In: XII Congresso de Iniciação Científica - V Encontro de Pós-Graduação, 2003, Pelotas - RS. XII Congresso de Iniciação Científica - V Encontro de Pós-Graduação, 2003.

  • SILVEIRA, Simone Rosa da ; MARIOT, M. P. ; SINIGAGLIA, Cledimara ; DODE, Luciana Bicca ; BARBIERI, Rosa Lia . Variabilidade de Maytenus ilicifolia no município de Piratini e sua utilização medicinal. In: I Mostra Científica do Curso de Farmácia da UFSM - I Semana de Estudos Farmacêuticos da UFSM - IX Semana Acadêmica da UFSM, 2003, Santa Maria - RS. I Mostra Científica do Curso de Farmácia da UFSM. Santa maria - RS: UFSM, 2003. v. 1. p. 20.

  • STUMPF, Elisabeth Regina Tempel ; ROMANO, Cátia Maria ; VIEIRA, C B ; MARIOT, M. P. ; BECKMANN, Márkilla Zunete ; BARBIERI, Rosa Lia ; CASTRO, Caroline Marques . Influência do armazenamento em câmara fria sobre a durabilidade pós-colheita de inflorescências de cenoura. In: 43 Congresso Brasileiro de Olericultura, 2003, Recife - PE. 43 Congresso Brasileiro de Olericultura. Recife - PE: Revista da Sociedade Brasileira de Olericultura, 2003. v. 21. p. 296.

  • STUMPF, Elisabeth Regina Tempel ; BARBIERI, Rosa Lia ; SINIGAGLIA, Cledimara ; MARIOT, M. P. ; CHOER, Eva ; CASTRO, Caroline Marques ; BECHMANN, Márkilla Zunete . Inflorescências de cenoura: uma nova opção para a agricultura. In: 43 Congresso Brasileiro de Olericultura, 2003. 43 Congresso Brasileiro de Olericultura. Recife - PE: Revista da Sociedade Brasileira de Olericultura, 2003. v. 21. p. 298.

  • SINIGAGLIA, Cledimara ; BENTO, Lúcia Helena Gütschow ; BARBIERI, Rosa Lia ; CASTRO, Caroline Marques ; CHOER, Eva ; MIURA, Adalberto Koiti ; MARIOT, M. P. ; RIBEIRO, Márcia Vaz . Implantação do herbário da Embrapa Clima Temperado. In: Congresso Sul-Riograndense de Biosciências, 2003, Pelotas. Congresso Sul-Riograndense de Biosciências - Anais, 2003.

  • CORRÊA, Fabiano ; MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lia ; SINIGAGLIA, Cledimara ; BENTO, Lúcia Helena Güstchow ; COUTO, Mery Elisabeth . Ocorrência de Cercospora sp. em Maytenus ilicifolia Mart. ex Reiss.. In: XII Congresso de Iniciação Científica - V Encontro de Pós-Graduação, 2003, Pelotas - RS. XII Congresso de Iniciação Científica - V Encontro de Pós-Graduação. Pelotas - RS: UFPel, 2003.

  • MOREIRA, Quelen Viviane Pinheiro ; CASTRO, Caroline Marques ; SINIGAGLIA, Cledimara ; MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lia ; CHOER, Eva ; LEITE, Daniela Lopes . Caracterização de acessos de cenoura do banco ativo de germoplasma com o uso de descritores morfológicos. In: XII Congresso de Iniciação Científica - II Mostra da Produção Universitária da FURG, 2003, Rio Grande - RS. XII Congresso de Iniciação Científica - II Mostra da Produção Universitária da FURG, 2003.

  • BENTO, Lúcia Helena Güstchow ; MARIOT, M. P. ; SINIGAGLIA, Cledimara ; BARBIERI, Rosa Lia . Descritores morfológicos para caracterização de germoplasma de Maytenus ilicifolia Mart. ex Reiss.. In: XV Salão de Iniciação Científica - XII Feira de Iniciação Científica, 2003, Porto Alegre - RS. XV Salão de Iniciação Científica - XII Feira de Iniciação Científica. Porto Alegre - RS: UFRGS, 2003.

  • MARIOT, M. P. ; SILVEIRA, Fernanda Rahal . Projeto Ecofarma. In: Educação em tempo de rede - a construção de um conhecimento mais global dos sistemas de ensino e o vestibular, 2003, Pelotas - RS. Anais do Seminário Educação em Tempo de Rede. Pelotas - RS: UFPel, 2003. p. 75-76.

  • MARIOT, M. P. ; SINIGAGLIA, Cledimara ; MIURA, Adalberto Koiti ; BARBIERI, Rosa Lia . Ocorrência geográfica de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia Mart. ex Reiss.) no Rio Grande do Sul. In: XI Congresso de Iniciação Científica - IV Encontro da Pós-Graduação, 2002, Pelotas - RS. XI Congresso de Iniciação Científica - IV Encontro da Pós-Graduação, 2002.

  • BARBIERI, Rosa Lia ; CHOER, Eva ; CASTRO, Caroline Marques ; LEITE, Daniela Lopes ; RASEIRA, Maria Do Carmo Bassols ; CASTRO, Luis Antônio Suita ; MARIOT, M. P. ; SINIGAGLIA, Cledimara . Bancos ativos de germoplasma da Embrapa Clima Temperado - Conservando recursos genéticos para uso atual e futuro.. In: 6 Encontro de Biólogos da Região Sul, 2002, Porto Alegre - RS. 6 Encontro de Biólogos da Região Sul: o biólogo e os desafios atuais - Programa e Resumos, 2002. p. 35.

  • SINIGAGLIA, Cledimara ; BARBIERI, Rosa Lia ; CASTRO, Caroline Marques ; CHOER, Eva ; MARIOT, M. P. ; MEDEIROS, Antonio Roberto Marchese de . Variabilidade genética para cor de flor e formato de umbela em cenoura. In: III Encontro de Biologia - VIII Semana Acadêmica de Biologia Carlos Ritter., 2002, Pelotas - RS. III Encontro de Biologia - VIII Semana Acadêmica de Biologia Carlos Ritter - Resumos. Pelotas-RS: UFPel, 2002.

  • AMARANTE, Luciano Do ; COLARES, Denise dos Santos ; MARIOT, M. P. ; FORTES, Gerson Renan de Luces ; WALLY, Leandro Kabke ; ZANELLA, Fábio . Parâmetros bioquímicos no enraizamento in vitro de aspargo (Asparagus officinalis L.): resultados parciais. In: VI Congresso Brasileiro de Fisiologia Vegetal, 1997, Belém - PA. VI Congresso Brasileiro de Fisiologia Vegetal. Belém - PA: Sociedade Brasileira de Fisiologia Vegetal, 1997. p. 153.

  • AMARANTE, Luciano Do ; COLARES, Denise dos Santos ; MARIOT, M. P. ; ZANELLA, Fábio ; FERRARI, Cibele dos Santos . Efeito do herbicida sulfentrazone sobre parâmetros fisioógicos em soja (Glycine max (L.) Merril). In: VI Congresso Brasileiro de Fisiologia Vegetal, 1997, Belém - PA. VI Congresso Brasileiro de Fisiologia Vegetal. Belém - PA: Sociedade Brasileira de Fisiologia vegetal, 1997. p. 358.

  • AMARANTE, Luciano Do ; MARIOT, M. P. ; PINTO, Jesus de Oliveira . Efeito do herbicida sulfentrazone sobre parâmetros fisiológicos em duas cultivares de soja. In: X Encontro de Professores das Escolas Agrotécnicas e Agrícolas Federais da Região Sul, 1997, Santa Maria - RS. X Encontro de Professores das Escolas Agrotécnicas e Agrícolas Federais da Região Sul. Santa Maria - RS: CASM/UFSM, 1997.

  • MARIOT, M. P. ; DODE, Luciana Bicca ; MAGALHÃES JR, Ariano . Avaliação de caracteres agronômicos em somaclones de arroz (Oryza sativa L.), seleção Camponi folha lisa: resultados preliminares. In: X Encontro de Professores das Escolas Agrotécnicas e Agrícolas Federais da Região Sul, 1997, Santa Maria - RS. X Encontro de Professores das Escolas Agrotécnicas e Agrícolas Federais da Região Sul. Santa Maria-RS: CASM/UFSM, 1997.

  • MARIOT, M. P. ; DODE, L. B. ; MAGALHÃES JR, Ariano ; RIBEIRO, A. S. ; TERRES, A. L. . Resistência à Rhizoctonia solani Kuhn em somaclones de arroz oriundos de cultura de embriões maturos.. In: 42º Congresso Nacional de Genética, 1996, Caxambú. Brazilian Journal of Genetics. Ribeirão Preto: Sociedade Brasileira de Genética, 1996. v. 19.

  • WALLY, Leandro Kabke ; OLIVEIRA, Camila Erben de ; MARIOT, M. P. ; AMARANTE, Luciano Do . Adaptações metodológicas para determinação da atividade da peroxidase e compostos fenólicos totais em aspargo (Asparagus officinalis L.). In: VIII Salão de Iniciação Científica, 1996, Porto Alegre. VIII Salão de Iniciação Científica - Resumos. Porto Alegre - RS: UFRGS, 1996. p. 146.

  • MEDEIROS, Ricardo Silveira ; ZANELLA, Fábio ; FERRARI, Cibele Santos ; PINTO, Jesus Oliveira ; MARIOT, M. P. ; AMARANTE, Luciano . Atividade da peroxidase, teor de clorofila e acúmulo de matéria seca em dois genótipos de soja (Glycine max (L.) Merril) influenciados pelo herbicida sulfentrazone. In: VIII Salão de Iniciação Científica, 1996, Porto Alegre - RS. VIII Salão de Iniciação Científica - Resumos. Porto Alegre - RS: UFRGS, 1996. p. 171.

  • CASTRO, Alberto Moura de ; MARIOT, M. P. . Avaliação do crescimento de mudas de laranjeira (Citrus sinesis Osbeck) cv. Valência, obtidas por estaquia em diferentes substratos. In: V Congresso Brasileiro de Fisiologia Vegetal, 1995, Lavras - MG. V Congresso Brasileiro de Fisiologia Vegetal - Resumos. Lavras - MG: UFLA, 1995.

  • MARIOT, M. P. ; TAVARES, Maria Jane Cruz de Mello Sereno ; FEDERIZZI, L. C. ; CARVALHO, F. I. F. . Avaliação da variabilidade de caracteres de morfologia de espigueta em cruzamento interespecífico em aveia.. In: 40º Congresso Nacional de Genética, 1994, Caxambú. Revista Brasileira de Genética - Programa e Resumos. Ribeirão Preto: Sociedade Brasileira de Genética, 1994. v. 17.

  • MARIOT, M. P. ; TAVARES, Maria Jane Cruz de Mello Sereno ; FEDERIZZI, L. C. ; CARVALHO, F. I. F. . Herança da estatura de planta e comprimento da panícula principal no cruzamento entre Avena sativa L. e Avena sterilis L.. In: 40º Congresso Nacional de Genética, 1994, Caxambú. Revista Brasileira de Genética - Programa e Resumos. Ribeirão Preto: Sociedade Brasileira de Genética, 1994. v. 17.

  • MARIOT, M. P. ; TAVARES, Maria Jane Cruz de Mello Sereno ; FEDERIZZI, L. C. ; CARVALHO, F. I. F. . Avaliação da incidência de ferrugem da folha da aveia (Puccinia coronata avenae) em genótipos de Avena sativa L., Avena sterilis L. e em gerações segregantes.. In: 45ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), 1993, Recife. Anais da 45ª Reunião Anual da SBPC. São Paulo: São Paulo Ind. Gráfica e Editora S.A., 1993. v. 1.

  • MARIOT, M. P. ; TAVARES, Maria Jane Cruz de Mello Sereno ; CARVALHO, F. I. F. ; FEDERIZZI, L. C. . Avaliação da variabilidade de caracteres de morfologia de espigueta em Avena sativa L., Avena sterilis L. e em gerações segregantes do cruzamento interespecífico.. In: 45ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), 1993, Recife. Anais da 45ª Reunião anual da SBPC. São Paulo-SP: São Paulo Ind. Gráfica e Editora S.A., 1993. v. 1.

  • MARIOT, M. P. ; MITTELMANN, A. ; CARVALHO, F. I. F. ; TAVARES, Maria Jane Cruz de Mello Sereno . Análise de caracteres morfológicos de espigueta em híbridos interespecíficos de aveia.. In: V Salão de Iniciação Científica - UFRGS, 1993, Porto Alegre. Anais do V Salão de Iniciação Científica, 1993.

  • ROSENTHAL, Mariane D'ávila ; BOTTON, Marcos ; AMARANTE, Luciano Do ; MARIOT, M. P. ; MEZZOMO, Jorge Alexandre ; GUSMÃO, Luciana Guerra de ; BELARMINO, Luis Clóvis . Informações preliminares sobre inseticidas indicados nas revendas para lagartas da soja na Região Sul. In: XVIII Reunião de Pesquisa de Soja da Região Sul, 1990, Passo Fundo - RS. XVIII Reunião de Pesquisa de Soja da Região Sul. Passo Fundo - RS: Embrapa - CNPT, 1990. p. 116.

  • MARIOT, MÁRCIO PAIM . Plantas medicinais para hipertensão e diabetes. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • MARIOT, M.P. . Plantas Medicinais. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • MARIOT, MÁRCIO PAIM . Oficina 'Manipulação artesanal de plantas medicinais'. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MARIOT, M. P. . Fitoterapia. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • MARIOT, M. P. . Cuidados para o bom uso de plantas medicinais e controle de qualidade. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • MARIOT, M. P. . Plantas medicinais. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • MARIOT, M. P. . Cuidados para o bom uso de plantas medicinais e controle de qualidade. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • MARIOT, M. P. . Cuidados para o bom uso de plantas medicinais e controle de qualidade. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • MARIOT, M. P. . Oficina 'Plantas ornamentais e bioativas'. 2013. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MARIOT, M. P. . Plantas bioativas como alternativa de produção naagricultura familiar. 2013. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MARIOT, M. P. ; STUMPF, Elisabeth Regina Tempel ; FISCHER, Síntia Zitzke . Olericultura orgânica, plantas bioativas, plantas ornamentais, compostagem e vermicompostagem. 2013. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MARIOT, M. P. . Uso popular da espinheira-santa (Maytenus muelleri Schwacke, sin.: Maytenus ilicifolia Mart. ex Reiss.) no Rio Grande do Sul. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • MARIOT, Márcio Paim ; Oficina: Produção de mudas de plantas medicinais. 2012. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MARIOT, M. P. . Uso de plantas bioativas no controle da hipertensão e diabetes. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • MARIOT, M. P. . Utilização da espinheira-santa (Maytenus ilicifolia). 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • MARIOT, M. P. ; BARBIERI, R. L. . Espinheira-santa (Maytenus ilicifolia): conservação de uma espécie nativa ameaçada de extinção. 2009. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MARIOT, M. P. ; BICCA, Francisco Motta . Projeto Ecofarma. 2003. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • MARIOT, M. P. ; BARBIERI, Rosa Lía . Espinheira-santa: uma alternativa de produção para a pequena propriedade. Pelotas: Embrapa Clima Temperado, 2006 (Série Documentos, 177 (Publicação on-line da Embrapa Clima Temperado)).

  • MARIOT, M. P. . Climatologia Agrícola. Pelotas 2005 (Apostila).

  • MARIOT, M. P. . Recursos genéticos de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia e M. aquifolium) no Rio Grande do Sul. Pelotas: Editora e gráfica universitária - UFPel, 2005 (Tese de doutorado).

  • MARIOT, M. P. . Avaliações morfológicas e agronômicas de genótipos parentais e gerações segregantes provenientes de cruzamentos entre Avena sativa L e Avena sterilis L.. Porto Alegre: Editora da UFRGS, 1993 (Dissertação de Mestrado).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

MARIOT, M. P. . Membro da diretoria de publicação da Revista AGROS. 1990.

CEOLIN, T. ; MARIOT, M. P. . Curso de Extensão - Plantas Medicinais no Cuidado à Saúde - Módulo 4 / palestra: Utilização da espinheira-santa (Maytenus ilicifolia) e as atividades desenvolvidas no IFSul-CaVG relacionadas às plantas bioativas. 2013. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

MARIOT, M. P. . Cuidados para o bom uso de plantas medicinais. 2013. (Palestra na disciplina de Terapias Alternativas da Faculdade de Enfermagem da UFPel).

BARBIERI, Rosa Lía ; MARIOT, M. P. ; HECK, R. M. . Estado da arte da comercialização de espinheira-santa (Maytenus ilificolia) em Pelotas para uso no cuidado em saúde. 2013. (Banca examinadora de qualificação de mestrado em enfermagem).

BOURSCHEID, J. L. W. ; MARIOT, M. P. ; SILVA, R. . A importância da preservação e do cultivo de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia): espécie medicinal nativa do Brasil. 2013. (Banca de avaliação do trabalho de conclusão do Curso de Tecnologia em Gestão Ambiental).

MARIOT, M. P. . Fitoterapia. 2012. (Palestra na disciplina de Terapias Alternativas da Faculdade de Enfermagem da FURG).

MARIOT, M. P. . Curso de plantas medicinais para profissionais de saúde. 2011. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

MARIOT, M. P. . Ministrante das palestras: Utilização de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia) e Boas práticas de produção de plantas medicinais no sistema orgânico. 2011. (Projeto de extensão "Promoção da saúde na integração Fac.Enfermagem/UFPel e Embrapa Clima Temperado).

ABIB, F. R. ; PINTO, J. R. ; GRIMM, H. ; MARIOT, M. P. . Curso de executores em aviação agrícola. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

ABIB, F. R. ; PINTO, J. R. ; GRIMM, H. ; MARIOT, M. P. . Curso de executores em aviação agrícola. 2008. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

MARIOT, M.P. ; BESSA, G. R. ; WEIZENMANN, M. ; BICOSKI, P. F. ; CAMPOS, R. P. ; BERNDT, L. E. C. . O Reverso de Maria (processo de Encenação). 2018. Teatral.

GIANOUKAS, L. ; MARIOT, M.P. ; CASSURIAGA, A. ; RUSCH, G. ; VIEIRA, R. ; PEREIRA, F. ; DIAZ, V. ; PEREIRA JUNIOR, M. C. ; DORNELLES, T. ; DUARTE, T. ; CREMONINI, F. ; VIEGAS, L. S. ; AVILA, L. S. ; SOLANO, D. ; HAFYD, R. ; ESCOUTO, C. . Quase campeões do mundo. 2018. Teatral.

GIANOUKAS, L. ; MARIOT, MÁRCIO PAIM ; RUSCH, G. ; PEREIRA JUNIOR, M. C. ; PEREIRA, F. ; PEZ, D. ; VIEIRA, R. ; AVILA, L. ; CASSURIAGA, A. ; SOLANO, D. ; HAFYD, R. ; VIEGAS, L. S. ; MARTINS, L. ; PESTANA, E. ; DIAS, G. . Manual maquínico do corpo cênico. 2018. Teatral.

VIEIRA, R. ; MOLINA, S. ; DORNELLES, T. ; DUARTE, T. ; RUSCH, G. ; KUSZNER, M. ; CREMONINI, F. ; MARIOT, M.P. ; POSTALE, R. ; DIAZ, V. ; BICOSKI, P. F. ; PRETTO, S. ; CASSURIAGA, A. ; PEREIRA, F. ; FONSECA, E. ; BUENO, R. ; FROIS, W. ; MORAES, A. . Agorafobia e três desertos. 2017. Teatral.

MARIOT, M.P. ; FONSECA, E. ; PEREIRA, F. ; MENDES, K. ; BICOSKI, P. F. ; DUARTE, T. ; PRETTO, S. . A fonte dos alienados. 2017. Teatral.

MARIOT, M.P. ; CASSURIAGA, A. ; VIEIRA, R. ; CREMONINI, F. ; PEREIRA, F. ; RUSCH, G. ; BROCKER, G. ; MENDES, K. ; FONSECA, E. ; AVILA, L. ; KUSZNER, M. ; FLORES, M. C. ; BICOSKI, P. F. ; BUENO, R. ; POSTALE, R. ; PRETTO, S. ; DORNELLES, T. ; DUARTE, T. ; DIAZ, V. ; FROIS, W. ; MORAES, A. . Relação do Theatro com o teatro. 2017. Teatral.

MARIOT, M.P. ; CHAGAS, F. C. ; BERNDT, L. E. C. ; WEIZENMANN, M. ; BICOSKI, P. F. ; CAMPOS, R. P. . O Reverso de Maria (processo de Encenação). 2017. Teatral.

MARIOT, M. P. . Cuidados para o bom uso de plantas medicinais. 2011 (Palestra) .

HECK, R. M. ; BARBIERI, R. L. ; VANINI, M. ; PILLON, C.N. ; MARIOT, M. P. ; MESQUITA, M. K. ; SCHIEDECK, G. ; CEOLIN, T. ; SCHWARTZ, E. . Colaborador no Projeto de Extensão: "Promoção da saúde na integração Faculdade de Enfermagem e Obstetrícia/UFPel e Embrapa Clima Temperado". 2008 (Demais trabalhos relevantes) .

MARIOT, M. P. . Colaborador do projeto de ensino Ecofarma: farmácia ecológica, estudo agronômico e ecológico de plantas medicinais, condimentares e aromáticas.. 2003 (Projeto de Ensino) .

MARIOT, M. P. . Coordenação do projeto de ensino Ecofarma: farmácia ecológica, estudo agronômico e ecológico de plantas medicinais, condimentares e aromáticas.. 2002 (Projeto de Ensino) .

MARIOT, M. P. . Palestrante do Curso Pós-Técnico em Aviação Agrícola. 2001 (Demais trabalhos relevantes) .

MARIOT, M. P. ; BICCA, Francisco Motta . Ministrante do Curso de plantas Medicinais do Programa PLANFOR/QUALIFICAR-RS. 2000 (Cursos de qualificação) .

MARIOT, M. P. ; BICCA, Francisco Motta . Ministrante do Curso Métodos alternativos de controle de pragas e doenças - Programa PANFLOR/QUALIFICAR-RS. 2000 (Coordenação de cursos) .

BICCA, Francisco Motta ; MARIOT, M. P. . Sub-coordenador do projeto Ecofarma - Farmaçia ecológica: estudo agronômico e ecológico de plantas medicinais. 2000 (Projeto de Ensino) .

MARIOT, M. P. . Coordenador do Projeto Prática Agropecuária e Agroindustrial Orientada. 1999 (Projeto de Ensino) .

MARIOT, M. P. . Palestrante do tema Toxicologia dos Agrotóxicos no curso sobre Controle Fitossanitário. 1998 (Palestra) .

MARIOT, M. P. . Apresentação do trabalho Comparison of callus with embryo culture at different times of embryo rescue for primary triticale production publicado no periódico Euphytica, 70: 185-190, 1993, no grupo de debates de cutura de tecido e biologia celular. 1994 (Palestra) .

MARIOT, M. P. ; AMARANTE, Luciano . Coordenador discente do curso Frgioconservação de vegetais. 1990 (Coordenação de cursos) .

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2017 - 2018

    Desempenho de Salvia procurrens cultivadas em vasos sob diferentes condições de luminosidade, Descrição: O paisagismo contemporâneo busca aliar a estética à qualidade ambiental e conservação de espécies vegetais, pela adoção crescente do cultivo de plantas nativas em seus projetos. O Bioma Pampa abriga espécies nativas com potencial para utilização ornamental capazes de atender a variados nichos de mercado. Sua produção em escala comercial pode proporcionar vantagem competitiva aos produtores, colaborando ainda para a preservação e valorização da flora local. Trabalhos iniciais de identificação e reconhecimento do potencial ornamental de espécies nativas servem de apoio para pesquisas de propagação e cultivo, com vistas ao lançamento comercial destas espécies no mercado. Salvia procurrens, planta herbácea rasteira nativa do Pampa, tem sido alvo de pesquisas relacionadas ao seu potencial estético e adequação ao uso ornamental. Estudos sobre suas características ornamentais, versatilidade de uso, viabilidade de propagação e adaptação ao cultivo em telhados verdes, evidenciam a necessidade de dar continuidade às pesquisas. Desta forma, esse projeto visa avaliar a influência de diferentes condições de luminosidade sobre o desenvolvimento das plantas e a floração de Salvia procurrens.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Integrante / Elisabeth Regina Tempel Stumpf - Coordenador.

  • 2017 - Atual

    Teatro e educação entre Brasil e Itália: modelos, processos e formação, Descrição: Esse projeto de pesquisa tem como objetivo central investigar de modo comparativo os modelos educacionais em teatro (no ensino formal e informal) na Itália e no Brasil. Assim, pretende-se estabelecer relação de parceria internacional com pesquisadores, professores, artistas e universidades italianos e promover a troca de conhecimentos e experiências nos âmbitos didático e acadêmico no campo das artes da cena, mais especificamente das pedagogias do teatro. Para tanto, lançaremos mão de metodologias qualitativas de construção de dados (observação participante, entrevistas, depoimentos, grupos focais, etc.) e da análise documental (de materiais de natureza diversa como registros escritos, documentos oficiais, livros, vídeos, fotografias, folhetos, etc.).. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Coordenador / Roberta Postale - Integrante / Taís Ferreira - Integrante / Graziela Bessa - Integrante.

  • 2016 - 2017

    Potencial de uso do capim-limão nativo como alternativa ao capim-limão exótico, Descrição: O capim-limão (Cymbopogon citratus) é uma das principais espécies medicinais exóticas cultivadas no Brasil, devido a sua ação calmante e antiespasmódica, atribuída ao citral presente no óleo essencial. A espécie é perene e se desenvolve melhor com temperaturas altas. Assim, no cultivo em regiões de clima subtropical, como o Rio Grande do Sul, as plantas têm o seu crescimento prejudicado no período de inverno, em especial quando ocorre a incidência de geadas. No entanto, a espécie Elionurus sp., conhecida como capim-limão nativo, é rica em citral e ocorre naturalmente no Rio Grande do Sul. Por sua adaptação às condições de clima e solo da região, a espécie mostra possibilidade de ser cultivada e explorada comercialmente no Estado, necessitando, no entanto, de pesquisas relacionadas às características de importância agronômica. Desta forma, o objetivo deste projeto é avaliar o potencial de uso de Elionurus sp. como alternativa ao Cymbopogon citratus. Serão comparados o teor de matéria seca e de óleo essencial das duas espécies, em diferentes épocas de colheita. O delineamento será completamente casualizado e a análise estatística constará de análise da variância com significância determinada pelo teste F a 5% de probabilidade de erro e as médias comparadas pelo teste de Tukey a 5% de probabilidade.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Coordenador / Elisabeth Regina Tempel Stumpf - Integrante / Fernanda Hernandes de Carvalho - Integrante / Willian Furtado Lucena - Integrante / Marcelo Jardim - Integrante / André Luiz Radünz - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal Sul-Rio-Grandense - Bolsa.Número de orientações: 1

  • 2016 - 2017

    Avaliação do efeito de plantas bioativas e caldas naturais na mortalidade de lagartas de importância agrícola., Descrição: A demanda por alimentos saudáveis estimula pesquisas que busquem métodos alternativos de controle de pragas e que reduzam a contaminação do alimento e o impacto ao ambiente provocado pelos agrotóxicos. Nesse sentido, busca-se no presente projeto a obtenção de alternativas ao controle químico de pragas, através de extratos de plantas bioativas e caldas alternativas, visando-se a redução nos custos de produção com proteção ambiental e segurança laboral aos produtores agrícolas. Os sistemas agrícolas de menor impacto ambiental são importantes utilizadores de caldas alternativas de controle de insetos pragas, demandando pesquisas para se realizar um controle efetivo e adaptado às condições locais. A condução das pesquisas deste projeto objetiva avaliar as plantas bioativas presentes na região, sob diversas formulações, para o controle de lagartas pragas de importância agrícola, bem como avaliar o efeito de caldas alternativas autorizadas para cultivos orgânicos, na busca de soluções para os pequenos agricultores com cultivos de base ecológica. As lagartas avaliadas serão das espécies Dione junojuno (Cramer, 1779), praga do maracujazeiro, Chrysodeixis (=Pseudoplusia) includens (Walker, [1858]), praga da soja, e Ascia monuste orseis (Latreille), praga da couve. Os experimentos serão realizados em laboratório, utilizando-se insetos da criação do Laboratório, e em cultivos comerciais de produtores assistidos por projetos de extensão da equipe executora. As plantas bioativas avaliadas serão aquelas pertencentes e disponíveis na coleção do Câmpus, produzidas no setor de Plantas Ornamentais e Bioativas e no Laboratório. Com os resultados decorrentes da pesquisa espera-se oferecer aos agricultores agroecológicos soluções de controle para lagartas-pragas, oportunizando manterem a produtividade e a qualidade dos produtos gerados, ao mesmo tempo em que ocorrerá a preservação do meio ambiente e a proteção à saúde dos produtores e consumidores dos produtos, pela não utilização de pesticidas químicos.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Integrante / Jader Ribeiro Pinto - Coordenador., Financiador(es): Instituto Federal Sul-Rio-Grandense - Bolsa.

  • 2016 - 2016

    Uso dos recursos genéticos de espécies da flora nativa do Bioma Pampa para a composição de telhados verdes, Descrição: Visa promover o uso dos recursos genéticos de espécies da flora nativa do Bioma Pampa para a composição de telhados verdes extensivos, através da avaliação do desempenho de espécies selecionadas em ecossistema de butiazais, no município de Tapes, RS. Paralelamente serão aplicadas técnicas de propagação vegetativa das espécies selecionadas.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Integrante / Rosa Lía Barbieri - Integrante / Willian Furtado Lucena - Integrante / STUMPF, E.R.T. - Coordenador / Marene Machado Marchi - Integrante.

  • 2015 - 2016

    Polinização, dispersão e viabilidade de sementes de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia Mart. ex Reiss.), Descrição: A espinheira-santa (Maytenus ilicifolia) é uma espécie nativa do sul do Brasil, usada contra gastrite e úlcera gástrica. A principal forma de obtenção desta planta ainda é por extrativismo, o que tem levado a diminuição das populações naturais e consequentemente perda da variabilidade genética. A Embrapa Clima Temperado em parceria com o IFSUL/CaVG mantém um Banco Ativo de Germoplasma (BAG) de espinheira-santa com objetivo de realizar estudos e preservar esta espécie. O conhecimento da forma de reprodução desta planta pode ser usado para traçar estratégias de conservação e uso da variabilidade genética em programas de melhoramento, além de a espécie ser uma alternativa de produção para agricultores familiares. Este projeto tem por objetivos identificar os possíveis polinizadores e dispersores de espinheira-santa e testar a viabilidade de sementes de acessos do BAG de espinheira-santa da Embrapa Clima Temperado/IFSUL/CaVG. No período de floração será realizada a avaliação dos polinizadores através da observação e coleta de insetos para posterior identificação e no período em que a planta apresenta frutos maduros será feita a observação de dispersores das sementes. A viabilidade de sementes será testada por meio do teste de tetrazólio (método rápido e prático), germinação em papel em caixa gerbox e através do teste de germinação em bandejas com substrato adequado. Através destas análises é possível conhecer o grupo de insetos que realizam a polinização da espinheira-santa, bem como os dispersores de suas sementes, o que é fundamental para a conservação desta espécie. Também será possível estabelecer a taxa de viabilidade das sementes, resultado este que será de grande valia no cultivo desta espécie. Os resultados beneficiam instituições de ensino e pesquisa no que se refere ao conhecimento gerado e as perspectivas de novos avanços na pesquisa e também na extensão, através da possibilidade de estimular o cultivo da espécie em pequenas propriedades.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Doutorado: (1) . , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Coordenador / Elisabeth Regina Tempel Stumpf - Integrante / Síntia Zitzke Fischer - Integrante / Rosa Lía Barbieri - Integrante / Tângela D. Perleberg - Integrante.

  • 2015 - 2015

    Biodiversidade em benefício da floricultura regional, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Síntia Zitzke Fischer em 23/07/2016., Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Integrante / Síntia Zitzke Fischer - Coordenador / Tângela D. Perleberg - Integrante.

  • 2014 - 2016

    Propagação Vegetativa e Caracterização de Metabólitos Secundários de Plantas de Cordia verbenaceae DC. submetidas a Diferentes Condições de Crescimento, Descrição: A erva-baleeira (Cordia verbenaceae DC.) é uma importante planta medicinal brasileira utilizada principalmente como anti-inflamatória, antiartrítica, analgésica, tônica e antiulcerogênica. Os seus princípios ativos estão presentes nos óleos essenciais e são também representados pelos flavonoides. A partir de seu óleo essencial, foi aprovado o registro do primeiro anti-inflamatório tópico a partir de uma espécie medicinal brasileira, tendo como principio ativo o sesquiterpeno α-humuleno. Esta espécie é propagada usualmente por sementes, o que pode levar a alterações no teor de seus princípios ativos em produções comerciais devido à variação genética existente. Além disso, tem sido registrado o risco de extinção em face à sua exploração predatória. Considerando sua importância farmacológica não há estudos sobre as condições ambientais que potencializem a produção dos metabólitos secundários de interesse, além das condições ideais de propagação e de crescimento. Neste projeto pretende-se avaliar métodos de propagação vegetativa de Cordia verbenaceae associado a fatores indutores do metabolismo secundário como forma de otimizar a produção de mudas e dos princípios ativos de interesse farmacológico.. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Integrante / Luciano Amarante - Coordenador / Eugênia Jacira Bolacel Braga - Integrante / Lissane Borges Valério Rodrigues - Integrante.

  • 2014 - 2015

    Avaliação de caracteres morfológicos, bioquímicos e reprodutivos de acessos de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia Mart. ex Reiss.), Descrição: A espinheira-santa (Maytenus ilicifolia) é a principal espécie medicinal nativa do Brasil a ser conservada, devido ao intenso extrativismo que ocorre nas populações naturais. A promoção do cultivo dessa espécie será um ganho no sentido de contribuir para conservação da variabilidade genética da espécie, além de ser uma alternativa de produção para a pequena propriedade. As atividades de conservação de recursos genéticos em bancos de germoplasma envolvem um intenso trabalho de caracterização do material genético, para possibilitar o uso desse material em futuros programas de melhoramento. Existe carência de informações sobre a espinheira-santa, o que justifica o desenvolvimento de pesquisas relacionadas ao estudo de caracteres de importância agronômica. O objetivo do projeto é avaliar acessos do Banco Ativo de Germoplasma (BAG) de espinheira-santa do IFSul e Embrapa Clima Temperado quanto a caracteres morfológicos, bioquímicos e reprodutivos com potencial para uso medicinal. Serão avaliados os caracteres de importância agronômica: morfologia foliar (comprimento e largura de folha e número de espinhos por folha), estatura de planta e diâmetro a base do caule e ramificação desde a base. Serão avaliadas ainda a fenologia da espécie, a biologia floral e a concentração dos compostos bioativos antioxidantes, flavonoides e fenóis totais, a viabilidade de sementes e os potenciais polinizadores da espécie.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Coordenador / Luciano do Amarante - Integrante / Elisabeth Regina Tempel Stumpf - Integrante / Síntia Zitzke Fischer - Integrante / Rosa Lía Barbieri - Integrante / Josiane M. Vitória - Integrante / Tângela D. Perleberg - Integrante / Tamires Ebeling da Silva - Integrante., Financiador(es): INST FED DE EDUC, CIENC E TECNOL SUL RIO GRANDENSE - Bolsa / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2014 - 2015

    Biologia floral e fenologia reprodutiva em Maytenus ilicifolia (espinheira-santa), Descrição: A espinheira-santa (Maytenus ilicifolia) é a principal espécie medicinal nativa do Brasil a ser conservada, devido ao intenso extrativismo que ocorre nas populações naturais. A promoção do cultivo dessa espécie será um ganho no sentido de contribuir para conservação da variabilidade genética da espécie, além de ser uma alternativa de produção para a pequena propriedade. Para viabilizar essa iniciativa, estudos básicos de biologia floral e fenologia reprodutiva devem ser realizados como suporte para futuros programas de melhoramento, dos quais genótipos superiores para cultivo poderão ser desenvolvidos. O objetivo do projeto é estudar a fenologia reprodutiva e a biologia floral em espinheira-santa. Serão realizadas as seguintes avaliações: estimativa do número de flores por inflorescência e de inflorescência por planta; estimativa da longevidade da flor; análise da receptividade do estigma; viabilidade polínica; funcionalidade do disco nectarífero; análise da biologia reprodutiva e fenologia reprodutiva, através de autopolinização espontânea, polinização cruzada e controle da polinização natural; análise do esforço reprodutivo e identificação de insetos visitantes florais. O delineamento é em blocos casualizado com diferentes números de repetições. As análises estatísticas serão realizadas com auxílio do programa SAS.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Integrante / Rosa Lia Barbieri - Integrante / Elisabeth Regina Tempel Stumpf - Integrante / Síntia Zitzke Fischer - Integrante / Tângela D. Perleberg - Coordenador / Patrick Silva da Silva - Integrante.

  • 2014 - 2015

    Tratamento de dejetos líquidos de suínos com materiais celulósicos e seus efeitos sobre o ambiente, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Integrante / Elisabeth Regina Tempel Stumpf - Integrante / Síntia Zitzke Fischer - Integrante / Marcos Antonio Anciuti - Integrante / Fabiane Pereira Gentilini - Coordenador., Financiador(es): Instituto Federal Sul-Rio-Grandense - Auxílio financeiro.

  • 2013 - 2014

    Identificação de plantas bioativas com potencial de uso como preventivo a mamite em bovinos de leite e para o controle de pragas de grãos armazenados, Descrição: Na agricultura de base ecológica, a menor dependência de produtos industrializados e a utilização de recursos naturais como as plantas bioativas, contribuem para busca da sustentabilidade na propriedade, bem como de uma produção mais saudável. Existem muitas indicações de plantas para o uso veterinário, em diversas enfermidades. Diversas substâncias oriundas do metabolismo secundário das plantas bioativas podem interferir no metabolismo de pragas, promovendo o seu controle. O uso de plantas bioativas contribui assim para o equilíbrio ambiental, por não deixar resíduos químicos e reduzir os efeitos negativos ocasionados pela aplicação de inseticidas sintéticos. Entre as pragas de interesse agronômico destacam-se as espécies que atacam os grãos armazenados e respondem por grandes perdas na pós-colheita. Assim, o objetivo do projeto é identificar espécies bioativas com potencial de uso na sanidade animal e para o controle de pragas de grãos armazenados. Será feito inicialmente uma revisão bibliográfica sobre plantas bioativas com potencial de uso para os problemas em questão. Plantas selecionadas que constem na coleção de plantas bioativas do IFSul-CaVG serão utilizadas para ensaios específicos. Serão testadas plantas na sanidade animal, como preventivo de mastite, sendo o controle visualizado pelos testes: California Mastitis Test (CMT), Contagem de Células Somáticas (CCS) e análise microbiológica da superfície dos tetos. Para as avaliações do uso de plantas no controle de pragas de grãos armazenados serão utilizados pós e óleos essenciais de plantas selecionadas de acordo com a literatura e testadas em diferentes concentrações. Serão observadas, entre as plantas utilizadas, a sua ação inseticida, de deterrência, de repelência e preferência alimentar.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Coordenador / Fabiane Pereira Gentilini - Integrante / Gabriel Weizenmann Fernandes - Integrante / Pedro Augusto Silva Silveira - Integrante / Lucas Teixeira Hax - Integrante / Lilia Maria da Rosa Pereira - Integrante / Maira Balbinotti Zanela - Integrante / Maria Edi Rocha Ribeiro - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal Sul-Rio-Grandense - Bolsa., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 2013 - 2014

    Caracterização morfológica, bioquímica e análise da fenologia e biologia floral em acessos de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia Mart. ex Reiss.), Descrição: A espinheira-santa (Maytenus ilicifolia) é a principal espécie medicinal nativa do Brasil a ser conservada, devido ao intenso extrativismo que ocorre nas populações naturais. A promoção do cultivo dessa espécie será um ganho no sentido de contribuir para conservação da variabilidade genética da espécie, além de ser uma alternativa de produção para a pequena propriedade. As atividades de conservação de recursos genéticos em bancos de germoplasma envolvem um intenso trabalho de caracterização do material genético, para possibilitar o uso desse material em futuros programas de melhoramento. Existe carência de informações sobre a espinheira-santa, o que justifica o desenvolvimento de pesquisas relacionadas ao estudo de caracteres de importância agronômica. O objetivo do projeto é avaliar acessos do Banco Ativo de Germoplasma (BAG) de espinheira-santa do IFSul e Embrapa Clima Temperado quanto a caracteres morfológicos e produção de compostos bioativos com potencial para uso medicinal, bem como a fenologia e a biologia floral da espécie. Serão avaliados os caracteres de importância agronômica: morfologia foliar (comprimento e largura de folha e número de espinhos por folha), estatura de planta e diâmetro a base do caule e ramificação desde a base. Serão avaliadas ainda a fenologia da espécie, a biologia floral e a concentração dos compostos bioativos taninos, flavonoides e fenóis totais.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Coordenador / Luciano do Amarante - Integrante / Rosa Lia Barbieri - Integrante / Elisabeth Regina Tempel Stumpf - Integrante / Síntia Zitzke Fischer - Integrante / Josiane M. Vitória - Integrante / Tângela D. Perleberg - Integrante / Tamires Ebeling da Silva - Integrante / Gabriel Cardoso Hartwig - Integrante., Financiador(es): Instituo Federal Sul-rio-grandense - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul - Bolsa., Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 2

  • 2013 - 2013

    Identificação de plantas bioativas com potencial de uso na sanidade animal e no controle de pragas de grãos armazenados, Descrição: Na agricultura de base ecológica, a menor dependência de produtos industrializados e a utilização de recursos naturais como as plantas bioativas, contribuem para busca da sustentabilidade na propriedade, bem como de uma produção mais saudável. Existem muitas indicações de plantas para o uso veterinário, em diversas enfermidades. Diversas substâncias oriundas do metabolismo secundário das plantas bioativas podem interferir no metabolismo de pragas, promovendo o seu controle. O uso de plantas bioativas contribui assim para o equilíbrio ambiental, por não deixar resíduos químicos e reduzir os efeitos negativos ocasionados pela aplicação de inseticidas sintéticos. Entre as pragas de interesse agronômico destacam-se as espécies que atacam os grãos armazenados e respondem por grandes perdas na pós-colheita. Assim, o objetivo do projeto é identificar espécies bioativas com potencial de uso na sanidade animal e para o controle de pragas de grãos armazenados. Será feito inicialmente uma revisão bibliográfica sobre plantas bioativas com potencial de uso para os problemas em questão. Plantas selecionadas que constem na coleção de plantas bioativas do IFSul-CaVG serão utilizadas para ensaios específicos. Serão testadas plantas na sanidade animal, como preventivo de mastite, sendo o controle visualizado pelos testes: California Mastitis Test (CMT), Contagem de Células Somáticas (CCS) e análise microbiológica da superfície dos tetos. Para as demais enfermidades nos animais serão utilizadas pomadas, sabões medicinais, tinturas, infusões e decocções, de acordo com o tipo de problema detectado e indicação da literatura. Os animais tratados serão acompanhados e as avaliações serão qualitativas. Para as avaliações do uso de plantas no controle de pragas de grãos armazenados serão utilizados pós e óleos essenciais de plantas selecionadas de acordo com a literatura e testadas em diferentes concentrações. Serão observadas, entre as plantas utilizadas, a sua ação inseticida, de deterrência, de repelência e preferência alimentar.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Coordenador / Elisabeth Regina Tempel Stumpf - Integrante / Síntia Zitzke Fischer - Integrante / Jader Ribeiro Pinto - Integrante / Tângela D. Perleberg - Integrante / Fabiane Pereira Gentilini - Integrante / Pedro Augusto Silva Silveira - Integrante / Lucas Teixeira Hax - Integrante / Lilia Maria da Rosa Pereira - Integrante / Maira Balbinotti Zanela - Integrante / Maria Edi Rocha Ribeiro - Integrante., Financiador(es): Instituo Federal Sul-rio-grandense - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 1

  • 2012 - 2014

    Plantas medicinais nativas no Bioma Pampa para uso inovador na floricultura, na arte floral e no paisagismo, Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Integrante / Rosa Lia Barbieri - Integrante / Elisabeth Regina Tempel Stumpf - Coordenador / Síntia Zitzke Fischer - Integrante / Everton Maksud Medeiros - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2012 - 2013

    Estudo de plantas medicinais na sanidade animal, Descrição: O uso veterinário das plantas medicinais vem sendo investigado a partir de informações com base no conhecimento popular. Existem várias espécies de plantas entre nativas e exóticas que são utilizadas pelos agricultores nos tratamentos de enfermidades nos animais e a pesquisa tem procurado validar este potencial de uso, o que vem em benefício dos agricultores familiares inseridos no sistema de produção de base ecológica. Assim, o objetivo do trabalho é investigar o potencial de uso das plantas medicinais na forma de tinturas, infusões, decocções, pomadas e sabões medicinais para o cuidado na sanidade dos animais do Campus Pelotas ? Visconde da Graça do IFSul. Será realizado um levantamento das principais enfermidades dos animais do Campus; pesquisa bibliográfica sobre as plantas presentes na coleção de plantas medicinais com potencial de uso e posteriormente a aplicação das plantas para o uso veterinário. Os animais serão acompanhados diariamente para observação e registro da evolução dos tratamentos.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Coordenador / Elisabeth Regina Tempel Stumpf - Integrante / Síntia Zitzke Fischer - Integrante / Tângela D. Perleberg - Integrante / Fabiane Pereira Gentilini - Integrante / Gabriel Weizenmann Fernandes - Integrante / Pedro Augusto Silva Silveira - Integrante / Lucas Teixeira Hax - Integrante / Lilia Maria da Rosa Pereira - Integrante., Financiador(es): Instituo Federal Sul-rio-grandense - Bolsa., Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1

  • 2012 - 2013

    Propagação de espinheira-santa (Maytenus muelleri Schwacke), Descrição: A espinheira-santa (Maytenus muelleri) é uma espécie medicinal nativa do Brasil que está na lista de plantas ameaçadas devido ao extrativismo, tendo sido portanto estimulado o cultivo da espécie. A espinheira-santa é de fecundação cruzada, apresentando portanto uma alta variabilidade genética, o que é favorável para o melhoramento mas inadequado para produção agrícola, devido a desuniformidade quanto ao teor de princípios ativos e caracteres de importância agronômica. Tecnologias para produção de mudas são portanto importantes para promover a inserção da espécie na matriz agrícola. O projeto tem como objetivos identificar substrato adequado para produção de mudas e avaliar métodos de propagação vegetativa.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Coordenador / Elisabeth Regina Tempel Stumpf - Integrante / Síntia Zitzke Fischer - Integrante / Rosa Lía Barbieri - Integrante / Josiane M. Vitória - Integrante / Fernanda M. Zacarias - Integrante / Tângela D. Perleberg - Integrante / Amanda Ferreira Vargas - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal Sul-Rio-Grandense - Auxílio financeiro.Número de orientações: 1

  • 2012 - 2013

    Prospecção de plantas nativas do Escudo Sul-rio-grandense com potencial de uso ornamental, Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Integrante / Rosa Lia Barbieri - Integrante / Elisabeth Regina Tempel Stumpf - Coordenador / Síntia Zitzke Fischer - Integrante / Tângela D. Perleberg - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal Sul-Rio-Grandense - Auxílio financeiro.

  • 2012 - 2013

    Propagação de plantas nativas no Bioma Pampa com potencial ornamental, Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Integrante / Rosa Lia Barbieri - Integrante / Elisabeth Regina Tempel Stumpf - Coordenador / Síntia Zitzke Fischer - Integrante / Tângela D. Perleberg - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal Sul-Rio-Grandense - Auxílio financeiro.

  • 2012 - 2013

    Avaliação de caracteres de importância agronômica e de compostos bioativos em acessos de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia Mart. ex. Reiss.), Descrição: A espinheira-santa (Maytenus ilicifolia) é a principal espécie medicinal nativa do Brasil a ser conservada, devido ao intenso extrativismo que ocorre nas populações naturais. A promoção do cultivo dessa espécie será um ganho no sentido de contribuir para conservação da variabilidade genética da espécie, além de ser uma alternativa de produção para a pequena propriedade. As atividades de conservação de recursos genéticos em bancos de germoplasma envolvem um intenso trabalho de caracterização do material genético, para possibilitar o uso desse material em futuros programas de melhoramento. Existe carência de informações sobre a espinheira-santa, o que justifica o desenvolvimento de pesquisas relacionadas ao estudo de caracteres de importância agronômica. O objetivo do projeto é avaliar acessos do Banco Ativo de Germoplasma (BAG) de espinheira-santa do IFSul e Embrapa Clima Temperado quanto a caracteres morfológicos e produção de compostos bioativos com potencial para uso medicinal. Serão avaliados os caracteres de morfologia foliar, produção de massa seca de folhas, estatura de planta, diâmetro a base do caule, ramificação desde a base, fenologia reprodutiva e quantificação dos compostos bioativos taninos, flavonoides e fenóis.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Coordenador / Luciano do Amarante - Integrante / Elisabeth Regina Tempel Stumpf - Integrante / Síntia Zitzke Fischer - Integrante / Rosa Lía Barbieri - Integrante / Rogério Freitag - Integrante / Fernanda M. Zacarias - Integrante / Tângela D. Perleberg - Integrante / Tamires Ebeling da Silva - Integrante / Gabriel Cardoso Hartwig - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul - Bolsa., Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 1

  • 2011 - 2012

    Os setores produtivos de plantas ornamentais e de plantas bioativas nos municípios de Pelotas, Capão do Leão e Morro Redondo, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Integrante / Elisabeth Regina Tempel Stumpf - Coordenador / Síntia Zitzke Fischer - Integrante / Rosa Lía Barbieri - Integrante.

  • 2010 - 2015

    Resgate, conservação, caracterização e uso de recursos genéticos de Capsicum no Sul do Brasil, Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (3) Doutorado: (3) . , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Integrante / Caroline Marques Castro - Integrante / Elisabeth Regina Tempel Stumpf - Coordenador / Rosa Lía Barbieri - Integrante / Márcia Vizzotto - Integrante / Juliana Castelo Branco Vilella - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2010 - 2012

    Biodiversidade RS. Sub-projeto: A conservação da biodiversidade de espécies ornamentais nativas no Bioma Pampa como fator de desenvolvimento no Escudo Sul-rio-grandense, Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Integrante / Elisabeth Regina Tempel Stumpf - Integrante / Gustavo Heiden - Integrante / Síntia Zitzke Fischer - Integrante / Rosa Lía Barbieri - Coordenador / Tângela D. Perleberg - Integrante / Marcos Borba - Integrante.

  • 2010 - 2012

    Resgate, caracterização, conservação e promoção do uso dos recursos genéticos de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia Mart. ex Reissek e Maytenus aquifolium Mart.), Descrição: A espinheira-santa (Maytenus ilicifolia) é a principal espécie medicinal nativa do Brasil a ser conservada, devido ao intenso extrativismo que ocorre nas populações naturais. A promoção do cultivo dessa espécie será um ganho no sentido de contribuir para conservação da variabilidade genética da espécie, além de ser uma alternativa de produção para a pequena propriedade. As atividades de conservação de recursos genéticos em bancos de germoplasma envolvem um intenso trabalho de caracterização do material genético, para possibilitar o uso desse material em futuros programas de melhoramento. Existe carência de informações sobre a espinheira-santa, o que justifica o desenvolvimento de pesquisas desde a caracterização e resgate do conhecimento popular sobre o uso da planta, até o desenvolvimento de sistemas de propagação de plantas e sistemas de produção compatíveis com a realidade do pequeno agricultor e inserção da espécie na matriz agrícola.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Coordenador / Rosa Lía Barbieri - Integrante / Jader Ribeiro Pinto - Integrante / Josiane M. Vitória - Integrante / Fernanda M. Zacarias - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul - Bolsa., Número de produções C, T & A: 6 / Número de orientações: 1

  • 2010 - 2012

    Seleção de genótipos superiores de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia Mart. ex Reissek) com base em caracteres de importância agronômica, Descrição: A espinheira-santa (Maytenus ilicifolia) é a principal espécie medicinal nativa do Brasil a ser conservada, devido ao intenso extrativismo que ocorre nas populações naturais. Por ser uma espécie com ação medicinal comprovada cientificamente, por já existir medicamento industrializado com base na planta, existe uma demanda para produção, com carência, entretanto, de pesquisas que contribuam para viabilizar a produção. A promoção do cultivo dessa espécie será um ganho no sentido de contribuir para conservação da variabilidade genética da espécie, além de ser uma alternativa de produção para a pequena propriedade. Não existe programa de melhoramento genético da espécie, o que prejudica o sistema de produção pela falta de uniformidade entre as plantas. É importante a caracterização do germoplasma existente que viabilize a seleção de genótipos mais produtivos, com base em caracteres de importância agronômica. Neste sentido, são importantes as avaliações dos caracteres que sejam relacionados com a biomassa, o que permitirá a seleção de genótipos superiores para maior produtividade. Além disso, por ser uma espécie de fecundação cruzada, com alta variabilidade genética, devem ser pesquisados métodos eficientes de propagação assexuada visando a uniformidade nos genótipos a serem cultivados com fins comerciais.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Coordenador / Caroline Marques Castro - Integrante / Rosa Lía Barbieri - Integrante / Jader Ribeiro Pinto - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa., Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 1

  • 2008 - 2010

    Plantas bioativas de uso humano por famílias de agricultores de base ecológica na região sul do RS, Descrição: O projeto tem como objetivos: identificar as plantas bioativas de uso humano entre famílias de agricultores da região sul do RS; realizar levantamento etnobotânico das plantas relacionadas à saúde humana; registrar as diferentes formas de preparo e indicações de uso para atingir o efeito terapêutico; elaborar o genograma e ecomapa das famílias, resgatando o saber cultural sobre as plantas.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Integrante / Rosa Lia Barbieri - Integrante / Gustavo Schiedeck - Integrante / Rita Maria Heck - Coordenador / Clenio Nailto Pillon - Integrante / Teila Ceolin - Integrante / Marisa Vanini - Integrante / Marcos Klering Mesquita - Integrante / Eda Schwartz - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2007 - 2012

    Estudos da atividade antimicrobiana e influênicia de fatores ambientais sobre a produção de metabólitos secundários de Achillea millefolium L., Descrição: A importância das plantas medicinais deve-se por sua contribuição como fonte natural de fármacos e por proporcionar grandes chances de obter-se uma molécula protótipo devido à diversidade de constituintes presentes. O uso de extratos vegetais e fitoquímicos de conhecida atividade antimicrobiana pode adquirir significado nos tratamentos terapêuticos. Diversas espécies vegetais têm sido utilizadas, pelas características antimicrobianas, através de compostos sintetizados pelo metabolismo secundário da planta. A planta Achillea millefolium L., conhecida como mil-folhas é uma espécie nativa da Europa, Norte da América, Sul da Austrália e Ásia e é utilizada no Brasil na medicina tradicional, por suas propaladas atividades antibacterianas, antitumorais, antiinflamatórias, antihipertensivas, antihistamínicas, e antioxidantes. Ela tem sido alvo de diversas avaliações quanto às propriedades biológicas de seu óleo essencial. Alguns dos constituintes do óleo essencial são cineol, borneol, pineno, cânfora, azuleno, taninos, cumarinas, saponinas, esteróides, alcalóides, guaiacol, luteolina, rutina, fitosterol, sitosterol, lactona e mucilagens. Nos últimos anos, ocorreu um crescente interesse pela fisiologia do estresse, para se observar o efeito deste no metabolismo das plantas e verificar as possíveis adaptações que poderiam ocorrer no metabolismo secundário, uma vez que poderiam aumentar a produção de constituintes ativos de plantas medicinais. Com isso, objetiva-se analisar a influência de fatores ambientais sobre a produção de compostos secundários e a atividade antimicrobiana da espécie Achillea millefolium L... , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Integrante / Luciano Amarante - Coordenador / Milene Conceição Lima - Integrante / Gladis Aver Ribeiro - Integrante / Rogério Freitag - Integrante.

  • 2007 - 2009

    Aproveitamento da biodiversidade regional de plantas bioativas para a sustentabilidade dos agricultores de base ecológica da região sul do RS, Descrição: Projeto inserido no Macroprograma 6 da Embrapa.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (10) . , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Integrante / Gustavo Schiedeck - Coordenador., Financiador(es): Embrapa Clima Temperado - Auxílio financeiro.

  • 2005 - 2007

    Estabelecimento, micropropagação e caracterização molecular de espinheira-santa (Maytenus ilicifolia mart. ex Reiss.), Descrição: o objetivo do trabalho éestabelecer metodologia para propagação in vitro de Maytenus ilicifolia e caracterizar molecularmente o banco de germoplasma da espécie da Embrapa Clima Temperado. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Integrante / Rosa Lia Barbieri - Integrante / Márcia Vaz Ribeiro - Integrante / Eugênia Jacira Bolacel Braga - Coordenador / Valmor João Bianchi - Integrante.

  • 2003 - 2015

    Recursos genéticos em espinheira-santa (Maytenus ilicifolia), Descrição: O projeto tem como objetivos o resgate, caracterização e conservação de germoplasma de espinheira-santa, espécie ameaçada pelo intenso extrativismo nas populações naturais, o que tem promovido erosão genética. É considerada a principal espécie medicinal nativa do Brasil para conservação, o que motivou a implantação de um banco ativo de germoplasma na Embrapa Clima Temperado e no Instituto Federal Sul-rio-grandense.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Coordenador / Rosa Lia Barbieri - Integrante / Caroline Marques Castro - Integrante / Elisabeth Regina Tempel Stumpf - Integrante / Síntia Zitzke Fischer - Integrante / Mery Elisabeth Couto - Integrante / Luciano Amarante - Integrante / Eugênia Jacira Bolacel Braga - Integrante / Josiane M. Vitória - Integrante / Fernanda M. Zacarias - Integrante / Tângela D. Perleberg - Integrante / Tamires Ebeling da Silva - Integrante., Financiador(es): Embrapa Clima Temperado - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 9

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de desenvolvimento

  • 2013 - Atual

    Uso de planta bioativa na dieta de poedeiras semipesadas, Descrição: Algumas atividades de produção adotadas na cadeia produtiva de ovos têm gerado controvérsias frente à percepção pública e o manejo convencional e alojamento praticados comercialmente, como por exemplo, a debicagem das aves que vem recebendo atenção uma vez que é uma atividade que têm gerado discussões sobre o bem estar de poedeiras em sistemas de criação intensivos. Na postura comercial, o canibalismo é reduzido num lote quando as aves são debicadas. Esta é uma prática que em alguns países já foi banida, assim como a criação em gaiolas convencionais. A solução para os problemas de bem estar causados pelo canibalismo tem sido desejável na atualidade, considerando que a debicagem também implica em mudanças de comportamento que vem afetar negativamente o bem estar. O crescente uso de plantas medicinais ou bioativas na produção animal tem sido considerado uma alternativa preventiva para problemas sanitários e de comportamento. O capim cidreira (Cymbopogoncitratus) é uma planta medicinal que tem sido utilizada em Medicina Veterinária priorizando as ações de seus princípios ativos citral e mirceno presentes no óleo essencial. O citral possui ações calmantes e antiespasmódicas e o mirceno é analgésico. Assim, objetivou avaliar o uso do capim cidreira como aditivo em dietas para poedeiras semipesadas sobre o desempenho, a qualidade dos ovos e os aspectos comportamentais. Serão utilizadas 144 poedeiras semipesadas, distribuídas aleatoriamente entre os tratamentos, sendo alojadas em gaiolas de postura três a três. Os tratamentos consistiram da presença ou ausência do capim cidreira na dieta das poedeiras, fornecidos durante os períodos de pré-postura e postura. Serão avaliadas as variáveis de desempenho (peso corporal, produção de ovos, conversão alimentar por dúzia e por massa de ovos), qualidade externa (peso do ovo, gravidade específica, peso e espessura da casca) e interna de ovos (coloração de gema, unidade Haugh, peso de gema e clara) e a incidência de canibalismo. Os dados serão submetidos à análise fatorial 2x2, com nível de significância de 5%, e comparação de médias duas a duas pelo teste Tukey.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Integrante / Marcos Antonio Anciuti - Integrante / Fabiane Pereira Gentilini - Coordenador / Lilia Maria da Rosa Pereira - Integrante / Cristiéle Lange Contreira - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal Sul-Rio-Grandense - Bolsa.

  • 2013 - Atual

    Uso de planta bioativa na dieta de poedeiras semipesadas, Descrição: Algumas atividades de produção adotadas na cadeia produtiva de ovos têm gerado controvérsias frente à percepção pública e o manejo convencional e alojamento praticados comercialmente, como por exemplo, a debicagem das aves que vem recebendo atenção uma vez que é uma atividade que têm gerado discussões sobre o bem estar de poedeiras em sistemas de criação intensivos. Na postura comercial, o canibalismo é reduzido num lote quando as aves são debicadas. Esta é uma prática que em alguns países já foi banida, assim como a criação em gaiolas convencionais. A solução para os problemas de bem estar causados pelo canibalismo tem sido desejável na atualidade, considerando que a debicagem também implica em mudanças de comportamento que vem afetar negativamente o bem estar. O crescente uso de plantas medicinais ou bioativas na produção animal tem sido considerado uma alternativa preventiva para problemas sanitários e de comportamento. O capim cidreira (Cymbopogoncitratus) é uma planta medicinal que tem sido utilizada em Medicina Veterinária priorizando as ações de seus princípios ativos citral e mirceno presentes no óleo essencial. O citral possui ações calmantes e antiespasmódicas e o mirceno é analgésico. Assim, objetivou avaliar o uso do capim cidreira como aditivo em dietas para poedeiras semipesadas sobre o desempenho, a qualidade dos ovos e os aspectos comportamentais. Serão utilizadas 144 poedeiras semipesadas, distribuídas aleatoriamente entre os tratamentos, sendo alojadas em gaiolas de postura três a três. Os tratamentos consistiram da presença ou ausência do capim cidreira na dieta das poedeiras, fornecidos durante os períodos de pré-postura e postura. Serão avaliadas as variáveis de desempenho (peso corporal, produção de ovos, conversão alimentar por dúzia e por massa de ovos), qualidade externa (peso do ovo, gravidade específica, peso e espessura da casca) e interna de ovos (coloração de gema, unidade Haugh, peso de gema e clara) e a incidência de canibalismo. Os dados serão submetidos à análise fatorial 2x2, com nível de significância de 5%, e comparação de médias duas a duas pelo teste Tukey.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Integrante / Marcos Antonio Anciuti - Integrante / Fabiane Pereira Gentilini - Coordenador / Lilia Maria da Rosa Pereira - Integrante / Cristiéle Lange Contreira - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal Sul-Rio-Grandense - Bolsa.

  • 2013 - Atual

    Uso de planta bioativa na dieta de poedeiras semipesadas, Descrição: Algumas atividades de produção adotadas na cadeia produtiva de ovos têm gerado controvérsias frente à percepção pública e o manejo convencional e alojamento praticados comercialmente, como por exemplo, a debicagem das aves que vem recebendo atenção uma vez que é uma atividade que têm gerado discussões sobre o bem estar de poedeiras em sistemas de criação intensivos. Na postura comercial, o canibalismo é reduzido num lote quando as aves são debicadas. Esta é uma prática que em alguns países já foi banida, assim como a criação em gaiolas convencionais. A solução para os problemas de bem estar causados pelo canibalismo tem sido desejável na atualidade, considerando que a debicagem também implica em mudanças de comportamento que vem afetar negativamente o bem estar. O crescente uso de plantas medicinais ou bioativas na produção animal tem sido considerado uma alternativa preventiva para problemas sanitários e de comportamento. O capim cidreira (Cymbopogoncitratus) é uma planta medicinal que tem sido utilizada em Medicina Veterinária priorizando as ações de seus princípios ativos citral e mirceno presentes no óleo essencial. O citral possui ações calmantes e antiespasmódicas e o mirceno é analgésico. Assim, objetivou avaliar o uso do capim cidreira como aditivo em dietas para poedeiras semipesadas sobre o desempenho, a qualidade dos ovos e os aspectos comportamentais. Serão utilizadas 144 poedeiras semipesadas, distribuídas aleatoriamente entre os tratamentos, sendo alojadas em gaiolas de postura três a três. Os tratamentos consistiram da presença ou ausência do capim cidreira na dieta das poedeiras, fornecidos durante os períodos de pré-postura e postura. Serão avaliadas as variáveis de desempenho (peso corporal, produção de ovos, conversão alimentar por dúzia e por massa de ovos), qualidade externa (peso do ovo, gravidade específica, peso e espessura da casca) e interna de ovos (coloração de gema, unidade Haugh, peso de gema e clara) e a incidência de canibalismo. Os dados serão submetidos à análise fatorial 2x2, com nível de significância de 5%, e comparação de médias duas a duas pelo teste Tukey.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Integrante / Marcos Antonio Anciuti - Integrante / Fabiane Pereira Gentilini - Coordenador / Lilia Maria da Rosa Pereira - Integrante / Cristiéle Lange Contreira - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal Sul-Rio-Grandense - Bolsa.

  • 2013 - Atual

    Uso de planta bioativa na dieta de poedeiras semipesadas, Descrição: Algumas atividades de produção adotadas na cadeia produtiva de ovos têm gerado controvérsias frente à percepção pública e o manejo convencional e alojamento praticados comercialmente, como por exemplo, a debicagem das aves que vem recebendo atenção uma vez que é uma atividade que têm gerado discussões sobre o bem estar de poedeiras em sistemas de criação intensivos. Na postura comercial, o canibalismo é reduzido num lote quando as aves são debicadas. Esta é uma prática que em alguns países já foi banida, assim como a criação em gaiolas convencionais. A solução para os problemas de bem estar causados pelo canibalismo tem sido desejável na atualidade, considerando que a debicagem também implica em mudanças de comportamento que vem afetar negativamente o bem estar. O crescente uso de plantas medicinais ou bioativas na produção animal tem sido considerado uma alternativa preventiva para problemas sanitários e de comportamento. O capim cidreira (Cymbopogoncitratus) é uma planta medicinal que tem sido utilizada em Medicina Veterinária priorizando as ações de seus princípios ativos citral e mirceno presentes no óleo essencial. O citral possui ações calmantes e antiespasmódicas e o mirceno é analgésico. Assim, objetivou avaliar o uso do capim cidreira como aditivo em dietas para poedeiras semipesadas sobre o desempenho, a qualidade dos ovos e os aspectos comportamentais. Serão utilizadas 144 poedeiras semipesadas, distribuídas aleatoriamente entre os tratamentos, sendo alojadas em gaiolas de postura três a três. Os tratamentos consistiram da presença ou ausência do capim cidreira na dieta das poedeiras, fornecidos durante os períodos de pré-postura e postura. Serão avaliadas as variáveis de desempenho (peso corporal, produção de ovos, conversão alimentar por dúzia e por massa de ovos), qualidade externa (peso do ovo, gravidade específica, peso e espessura da casca) e interna de ovos (coloração de gema, unidade Haugh, peso de gema e clara) e a incidência de canibalismo. Os dados serão submetidos à análise fatorial 2x2, com nível de significância de 5%, e comparação de médias duas a duas pelo teste Tukey.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Integrante / Marcos Antonio Anciuti - Integrante / Fabiane Pereira Gentilini - Coordenador / Lilia Maria da Rosa Pereira - Integrante / Cristiéle Lange Contreira - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal Sul-Rio-Grandense - Bolsa.

  • 2013 - Atual

    Uso de planta bioativa na dieta de poedeiras semipesadas, Descrição: Algumas atividades de produção adotadas na cadeia produtiva de ovos têm gerado controvérsias frente à percepção pública e o manejo convencional e alojamento praticados comercialmente, como por exemplo, a debicagem das aves que vem recebendo atenção uma vez que é uma atividade que têm gerado discussões sobre o bem estar de poedeiras em sistemas de criação intensivos. Na postura comercial, o canibalismo é reduzido num lote quando as aves são debicadas. Esta é uma prática que em alguns países já foi banida, assim como a criação em gaiolas convencionais. A solução para os problemas de bem estar causados pelo canibalismo tem sido desejável na atualidade, considerando que a debicagem também implica em mudanças de comportamento que vem afetar negativamente o bem estar. O crescente uso de plantas medicinais ou bioativas na produção animal tem sido considerado uma alternativa preventiva para problemas sanitários e de comportamento. O capim cidreira (Cymbopogoncitratus) é uma planta medicinal que tem sido utilizada em Medicina Veterinária priorizando as ações de seus princípios ativos citral e mirceno presentes no óleo essencial. O citral possui ações calmantes e antiespasmódicas e o mirceno é analgésico. Assim, objetivou avaliar o uso do capim cidreira como aditivo em dietas para poedeiras semipesadas sobre o desempenho, a qualidade dos ovos e os aspectos comportamentais. Serão utilizadas 144 poedeiras semipesadas, distribuídas aleatoriamente entre os tratamentos, sendo alojadas em gaiolas de postura três a três. Os tratamentos consistiram da presença ou ausência do capim cidreira na dieta das poedeiras, fornecidos durante os períodos de pré-postura e postura. Serão avaliadas as variáveis de desempenho (peso corporal, produção de ovos, conversão alimentar por dúzia e por massa de ovos), qualidade externa (peso do ovo, gravidade específica, peso e espessura da casca) e interna de ovos (coloração de gema, unidade Haugh, peso de gema e clara) e a incidência de canibalismo. Os dados serão submetidos à análise fatorial 2x2, com nível de significância de 5%, e comparação de médias duas a duas pelo teste Tukey.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Integrante / Marcos Antonio Anciuti - Integrante / Fabiane Pereira Gentilini - Coordenador / Lilia Maria da Rosa Pereira - Integrante / Cristiéle Lange Contreira - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal Sul-Rio-Grandense - Bolsa.

  • 2013 - Atual

    Uso de planta bioativa na dieta de poedeiras semipesadas, Descrição: Algumas atividades de produção adotadas na cadeia produtiva de ovos têm gerado controvérsias frente à percepção pública e o manejo convencional e alojamento praticados comercialmente, como por exemplo, a debicagem das aves que vem recebendo atenção uma vez que é uma atividade que têm gerado discussões sobre o bem estar de poedeiras em sistemas de criação intensivos. Na postura comercial, o canibalismo é reduzido num lote quando as aves são debicadas. Esta é uma prática que em alguns países já foi banida, assim como a criação em gaiolas convencionais. A solução para os problemas de bem estar causados pelo canibalismo tem sido desejável na atualidade, considerando que a debicagem também implica em mudanças de comportamento que vem afetar negativamente o bem estar. O crescente uso de plantas medicinais ou bioativas na produção animal tem sido considerado uma alternativa preventiva para problemas sanitários e de comportamento. O capim cidreira (Cymbopogoncitratus) é uma planta medicinal que tem sido utilizada em Medicina Veterinária priorizando as ações de seus princípios ativos citral e mirceno presentes no óleo essencial. O citral possui ações calmantes e antiespasmódicas e o mirceno é analgésico. Assim, objetivou avaliar o uso do capim cidreira como aditivo em dietas para poedeiras semipesadas sobre o desempenho, a qualidade dos ovos e os aspectos comportamentais. Serão utilizadas 144 poedeiras semipesadas, distribuídas aleatoriamente entre os tratamentos, sendo alojadas em gaiolas de postura três a três. Os tratamentos consistiram da presença ou ausência do capim cidreira na dieta das poedeiras, fornecidos durante os períodos de pré-postura e postura. Serão avaliadas as variáveis de desempenho (peso corporal, produção de ovos, conversão alimentar por dúzia e por massa de ovos), qualidade externa (peso do ovo, gravidade específica, peso e espessura da casca) e interna de ovos (coloração de gema, unidade Haugh, peso de gema e clara) e a incidência de canibalismo. Os dados serão submetidos à análise fatorial 2x2, com nível de significância de 5%, e comparação de médias duas a duas pelo teste Tukey.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Integrante / Marcos Antonio Anciuti - Integrante / Fabiane Pereira Gentilini - Coordenador / Lilia Maria da Rosa Pereira - Integrante / Cristiéle Lange Contreira - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal Sul-Rio-Grandense - Bolsa.

  • 2013 - Atual

    Uso de planta bioativa na dieta de poedeiras semipesadas, Descrição: Algumas atividades de produção adotadas na cadeia produtiva de ovos têm gerado controvérsias frente à percepção pública e o manejo convencional e alojamento praticados comercialmente, como por exemplo, a debicagem das aves que vem recebendo atenção uma vez que é uma atividade que têm gerado discussões sobre o bem estar de poedeiras em sistemas de criação intensivos. Na postura comercial, o canibalismo é reduzido num lote quando as aves são debicadas. Esta é uma prática que em alguns países já foi banida, assim como a criação em gaiolas convencionais. A solução para os problemas de bem estar causados pelo canibalismo tem sido desejável na atualidade, considerando que a debicagem também implica em mudanças de comportamento que vem afetar negativamente o bem estar. O crescente uso de plantas medicinais ou bioativas na produção animal tem sido considerado uma alternativa preventiva para problemas sanitários e de comportamento. O capim cidreira (Cymbopogoncitratus) é uma planta medicinal que tem sido utilizada em Medicina Veterinária priorizando as ações de seus princípios ativos citral e mirceno presentes no óleo essencial. O citral possui ações calmantes e antiespasmódicas e o mirceno é analgésico. Assim, objetivou avaliar o uso do capim cidreira como aditivo em dietas para poedeiras semipesadas sobre o desempenho, a qualidade dos ovos e os aspectos comportamentais. Serão utilizadas 144 poedeiras semipesadas, distribuídas aleatoriamente entre os tratamentos, sendo alojadas em gaiolas de postura três a três. Os tratamentos consistiram da presença ou ausência do capim cidreira na dieta das poedeiras, fornecidos durante os períodos de pré-postura e postura. Serão avaliadas as variáveis de desempenho (peso corporal, produção de ovos, conversão alimentar por dúzia e por massa de ovos), qualidade externa (peso do ovo, gravidade específica, peso e espessura da casca) e interna de ovos (coloração de gema, unidade Haugh, peso de gema e clara) e a incidência de canibalismo. Os dados serão submetidos à análise fatorial 2x2, com nível de significância de 5%, e comparação de médias duas a duas pelo teste Tukey.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Integrante / Marcos Antonio Anciuti - Integrante / Fabiane Pereira Gentilini - Coordenador / Lilia Maria da Rosa Pereira - Integrante / Cristiéle Lange Contreira - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal Sul-Rio-Grandense - Bolsa.

  • 2013 - Atual

    Uso de planta bioativa na dieta de poedeiras semipesadas, Descrição: Algumas atividades de produção adotadas na cadeia produtiva de ovos têm gerado controvérsias frente à percepção pública e o manejo convencional e alojamento praticados comercialmente, como por exemplo, a debicagem das aves que vem recebendo atenção uma vez que é uma atividade que têm gerado discussões sobre o bem estar de poedeiras em sistemas de criação intensivos. Na postura comercial, o canibalismo é reduzido num lote quando as aves são debicadas. Esta é uma prática que em alguns países já foi banida, assim como a criação em gaiolas convencionais. A solução para os problemas de bem estar causados pelo canibalismo tem sido desejável na atualidade, considerando que a debicagem também implica em mudanças de comportamento que vem afetar negativamente o bem estar. O crescente uso de plantas medicinais ou bioativas na produção animal tem sido considerado uma alternativa preventiva para problemas sanitários e de comportamento. O capim cidreira (Cymbopogoncitratus) é uma planta medicinal que tem sido utilizada em Medicina Veterinária priorizando as ações de seus princípios ativos citral e mirceno presentes no óleo essencial. O citral possui ações calmantes e antiespasmódicas e o mirceno é analgésico. Assim, objetivou avaliar o uso do capim cidreira como aditivo em dietas para poedeiras semipesadas sobre o desempenho, a qualidade dos ovos e os aspectos comportamentais. Serão utilizadas 144 poedeiras semipesadas, distribuídas aleatoriamente entre os tratamentos, sendo alojadas em gaiolas de postura três a três. Os tratamentos consistiram da presença ou ausência do capim cidreira na dieta das poedeiras, fornecidos durante os períodos de pré-postura e postura. Serão avaliadas as variáveis de desempenho (peso corporal, produção de ovos, conversão alimentar por dúzia e por massa de ovos), qualidade externa (peso do ovo, gravidade específica, peso e espessura da casca) e interna de ovos (coloração de gema, unidade Haugh, peso de gema e clara) e a incidência de canibalismo. Os dados serão submetidos à análise fatorial 2x2, com nível de significância de 5%, e comparação de médias duas a duas pelo teste Tukey.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Integrante / Marcos Antonio Anciuti - Integrante / Fabiane Pereira Gentilini - Coordenador / Lilia Maria da Rosa Pereira - Integrante / Cristiéle Lange Contreira - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal Sul-Rio-Grandense - Bolsa.

  • 2013 - Atual

    Uso de planta bioativa na dieta de poedeiras semipesadas, Descrição: Algumas atividades de produção adotadas na cadeia produtiva de ovos têm gerado controvérsias frente à percepção pública e o manejo convencional e alojamento praticados comercialmente, como por exemplo, a debicagem das aves que vem recebendo atenção uma vez que é uma atividade que têm gerado discussões sobre o bem estar de poedeiras em sistemas de criação intensivos. Na postura comercial, o canibalismo é reduzido num lote quando as aves são debicadas. Esta é uma prática que em alguns países já foi banida, assim como a criação em gaiolas convencionais. A solução para os problemas de bem estar causados pelo canibalismo tem sido desejável na atualidade, considerando que a debicagem também implica em mudanças de comportamento que vem afetar negativamente o bem estar. O crescente uso de plantas medicinais ou bioativas na produção animal tem sido considerado uma alternativa preventiva para problemas sanitários e de comportamento. O capim cidreira (Cymbopogoncitratus) é uma planta medicinal que tem sido utilizada em Medicina Veterinária priorizando as ações de seus princípios ativos citral e mirceno presentes no óleo essencial. O citral possui ações calmantes e antiespasmódicas e o mirceno é analgésico. Assim, objetivou avaliar o uso do capim cidreira como aditivo em dietas para poedeiras semipesadas sobre o desempenho, a qualidade dos ovos e os aspectos comportamentais. Serão utilizadas 144 poedeiras semipesadas, distribuídas aleatoriamente entre os tratamentos, sendo alojadas em gaiolas de postura três a três. Os tratamentos consistiram da presença ou ausência do capim cidreira na dieta das poedeiras, fornecidos durante os períodos de pré-postura e postura. Serão avaliadas as variáveis de desempenho (peso corporal, produção de ovos, conversão alimentar por dúzia e por massa de ovos), qualidade externa (peso do ovo, gravidade específica, peso e espessura da casca) e interna de ovos (coloração de gema, unidade Haugh, peso de gema e clara) e a incidência de canibalismo. Os dados serão submetidos à análise fatorial 2x2, com nível de significância de 5%, e comparação de médias duas a duas pelo teste Tukey.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Integrante / Marcos Antonio Anciuti - Integrante / Fabiane Pereira Gentilini - Coordenador / Lilia Maria da Rosa Pereira - Integrante / Cristiéle Lange Contreira - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal Sul-Rio-Grandense - Bolsa.

  • 2013 - Atual

    Uso de planta bioativa na dieta de poedeiras semipesadas, Descrição: Algumas atividades de produção adotadas na cadeia produtiva de ovos têm gerado controvérsias frente à percepção pública e o manejo convencional e alojamento praticados comercialmente, como por exemplo, a debicagem das aves que vem recebendo atenção uma vez que é uma atividade que têm gerado discussões sobre o bem estar de poedeiras em sistemas de criação intensivos. Na postura comercial, o canibalismo é reduzido num lote quando as aves são debicadas. Esta é uma prática que em alguns países já foi banida, assim como a criação em gaiolas convencionais. A solução para os problemas de bem estar causados pelo canibalismo tem sido desejável na atualidade, considerando que a debicagem também implica em mudanças de comportamento que vem afetar negativamente o bem estar. O crescente uso de plantas medicinais ou bioativas na produção animal tem sido considerado uma alternativa preventiva para problemas sanitários e de comportamento. O capim cidreira (Cymbopogoncitratus) é uma planta medicinal que tem sido utilizada em Medicina Veterinária priorizando as ações de seus princípios ativos citral e mirceno presentes no óleo essencial. O citral possui ações calmantes e antiespasmódicas e o mirceno é analgésico. Assim, objetivou avaliar o uso do capim cidreira como aditivo em dietas para poedeiras semipesadas sobre o desempenho, a qualidade dos ovos e os aspectos comportamentais. Serão utilizadas 144 poedeiras semipesadas, distribuídas aleatoriamente entre os tratamentos, sendo alojadas em gaiolas de postura três a três. Os tratamentos consistiram da presença ou ausência do capim cidreira na dieta das poedeiras, fornecidos durante os períodos de pré-postura e postura. Serão avaliadas as variáveis de desempenho (peso corporal, produção de ovos, conversão alimentar por dúzia e por massa de ovos), qualidade externa (peso do ovo, gravidade específica, peso e espessura da casca) e interna de ovos (coloração de gema, unidade Haugh, peso de gema e clara) e a incidência de canibalismo. Os dados serão submetidos à análise fatorial 2x2, com nível de significância de 5%, e comparação de médias duas a duas pelo teste Tukey.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Integrante / Marcos Antonio Anciuti - Integrante / Fabiane Pereira Gentilini - Coordenador / Lilia Maria da Rosa Pereira - Integrante / Cristiéle Lange Contreira - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal Sul-Rio-Grandense - Bolsa.

  • 2013 - Atual

    Uso de planta bioativa na dieta de poedeiras semipesadas, Descrição: Algumas atividades de produção adotadas na cadeia produtiva de ovos têm gerado controvérsias frente à percepção pública e o manejo convencional e alojamento praticados comercialmente, como por exemplo, a debicagem das aves que vem recebendo atenção uma vez que é uma atividade que têm gerado discussões sobre o bem estar de poedeiras em sistemas de criação intensivos. Na postura comercial, o canibalismo é reduzido num lote quando as aves são debicadas. Esta é uma prática que em alguns países já foi banida, assim como a criação em gaiolas convencionais. A solução para os problemas de bem estar causados pelo canibalismo tem sido desejável na atualidade, considerando que a debicagem também implica em mudanças de comportamento que vem afetar negativamente o bem estar. O crescente uso de plantas medicinais ou bioativas na produção animal tem sido considerado uma alternativa preventiva para problemas sanitários e de comportamento. O capim cidreira (Cymbopogoncitratus) é uma planta medicinal que tem sido utilizada em Medicina Veterinária priorizando as ações de seus princípios ativos citral e mirceno presentes no óleo essencial. O citral possui ações calmantes e antiespasmódicas e o mirceno é analgésico. Assim, objetivou avaliar o uso do capim cidreira como aditivo em dietas para poedeiras semipesadas sobre o desempenho, a qualidade dos ovos e os aspectos comportamentais. Serão utilizadas 144 poedeiras semipesadas, distribuídas aleatoriamente entre os tratamentos, sendo alojadas em gaiolas de postura três a três. Os tratamentos consistiram da presença ou ausência do capim cidreira na dieta das poedeiras, fornecidos durante os períodos de pré-postura e postura. Serão avaliadas as variáveis de desempenho (peso corporal, produção de ovos, conversão alimentar por dúzia e por massa de ovos), qualidade externa (peso do ovo, gravidade específica, peso e espessura da casca) e interna de ovos (coloração de gema, unidade Haugh, peso de gema e clara) e a incidência de canibalismo. Os dados serão submetidos à análise fatorial 2x2, com nível de significância de 5%, e comparação de médias duas a duas pelo teste Tukey.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Integrante / Marcos Antonio Anciuti - Integrante / Fabiane Pereira Gentilini - Coordenador / Lilia Maria da Rosa Pereira - Integrante / Cristiéle Lange Contreira - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal Sul-Rio-Grandense - Bolsa.

  • 2013 - Atual

    Uso de planta bioativa na dieta de poedeiras semipesadas, Descrição: Algumas atividades de produção adotadas na cadeia produtiva de ovos têm gerado controvérsias frente à percepção pública e o manejo convencional e alojamento praticados comercialmente, como por exemplo, a debicagem das aves que vem recebendo atenção uma vez que é uma atividade que têm gerado discussões sobre o bem estar de poedeiras em sistemas de criação intensivos. Na postura comercial, o canibalismo é reduzido num lote quando as aves são debicadas. Esta é uma prática que em alguns países já foi banida, assim como a criação em gaiolas convencionais. A solução para os problemas de bem estar causados pelo canibalismo tem sido desejável na atualidade, considerando que a debicagem também implica em mudanças de comportamento que vem afetar negativamente o bem estar. O crescente uso de plantas medicinais ou bioativas na produção animal tem sido considerado uma alternativa preventiva para problemas sanitários e de comportamento. O capim cidreira (Cymbopogoncitratus) é uma planta medicinal que tem sido utilizada em Medicina Veterinária priorizando as ações de seus princípios ativos citral e mirceno presentes no óleo essencial. O citral possui ações calmantes e antiespasmódicas e o mirceno é analgésico. Assim, objetivou avaliar o uso do capim cidreira como aditivo em dietas para poedeiras semipesadas sobre o desempenho, a qualidade dos ovos e os aspectos comportamentais. Serão utilizadas 144 poedeiras semipesadas, distribuídas aleatoriamente entre os tratamentos, sendo alojadas em gaiolas de postura três a três. Os tratamentos consistiram da presença ou ausência do capim cidreira na dieta das poedeiras, fornecidos durante os períodos de pré-postura e postura. Serão avaliadas as variáveis de desempenho (peso corporal, produção de ovos, conversão alimentar por dúzia e por massa de ovos), qualidade externa (peso do ovo, gravidade específica, peso e espessura da casca) e interna de ovos (coloração de gema, unidade Haugh, peso de gema e clara) e a incidência de canibalismo. Os dados serão submetidos à análise fatorial 2x2, com nível de significância de 5%, e comparação de médias duas a duas pelo teste Tukey.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Integrante / Marcos Antonio Anciuti - Integrante / Fabiane Pereira Gentilini - Coordenador / Lilia Maria da Rosa Pereira - Integrante / Cristiéle Lange Contreira - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal Sul-Rio-Grandense - Bolsa.

  • 2013 - Atual

    Uso de planta bioativa na dieta de poedeiras semipesadas, Descrição: Algumas atividades de produção adotadas na cadeia produtiva de ovos têm gerado controvérsias frente à percepção pública e o manejo convencional e alojamento praticados comercialmente, como por exemplo, a debicagem das aves que vem recebendo atenção uma vez que é uma atividade que têm gerado discussões sobre o bem estar de poedeiras em sistemas de criação intensivos. Na postura comercial, o canibalismo é reduzido num lote quando as aves são debicadas. Esta é uma prática que em alguns países já foi banida, assim como a criação em gaiolas convencionais. A solução para os problemas de bem estar causados pelo canibalismo tem sido desejável na atualidade, considerando que a debicagem também implica em mudanças de comportamento que vem afetar negativamente o bem estar. O crescente uso de plantas medicinais ou bioativas na produção animal tem sido considerado uma alternativa preventiva para problemas sanitários e de comportamento. O capim cidreira (Cymbopogoncitratus) é uma planta medicinal que tem sido utilizada em Medicina Veterinária priorizando as ações de seus princípios ativos citral e mirceno presentes no óleo essencial. O citral possui ações calmantes e antiespasmódicas e o mirceno é analgésico. Assim, objetivou avaliar o uso do capim cidreira como aditivo em dietas para poedeiras semipesadas sobre o desempenho, a qualidade dos ovos e os aspectos comportamentais. Serão utilizadas 144 poedeiras semipesadas, distribuídas aleatoriamente entre os tratamentos, sendo alojadas em gaiolas de postura três a três. Os tratamentos consistiram da presença ou ausência do capim cidreira na dieta das poedeiras, fornecidos durante os períodos de pré-postura e postura. Serão avaliadas as variáveis de desempenho (peso corporal, produção de ovos, conversão alimentar por dúzia e por massa de ovos), qualidade externa (peso do ovo, gravidade específica, peso e espessura da casca) e interna de ovos (coloração de gema, unidade Haugh, peso de gema e clara) e a incidência de canibalismo. Os dados serão submetidos à análise fatorial 2x2, com nível de significância de 5%, e comparação de médias duas a duas pelo teste Tukey.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Integrante / Marcos Antonio Anciuti - Integrante / Fabiane Pereira Gentilini - Coordenador / Lilia Maria da Rosa Pereira - Integrante / Cristiéle Lange Contreira - Integrante.Financiador(es): Instituto Federal Sul-Rio-Grandense - Bolsa.

  • 2013 - Atual

    Uso de planta bioativa na dieta de poedeiras semipesadas, Descrição: Algumas atividades de produção adotadas na cadeia produtiva de ovos têm gerado controvérsias frente à percepção pública e o manejo convencional e alojamento praticados comercialmente, como por exemplo, a debicagem das aves que vem recebendo atenção uma vez que é uma atividade que têm gerado discussões sobre o bem estar de poedeiras em sistemas de criação intensivos. Na postura comercial, o canibalismo é reduzido num lote quando as aves são debicadas. Esta é uma prática que em alguns países já foi banida, assim como a criação em gaiolas convencionais. A solução para os problemas de bem estar causados pelo canibalismo tem sido desejável na atualidade, considerando que a debicagem também implica em mudanças de comportamento que vem afetar negativamente o bem estar. O crescente uso de plantas medicinais ou bioativas na produção animal tem sido considerado uma alternativa preventiva para problemas sanitários e de comportamento. O capim cidreira (Cymbopogoncitratus) é uma planta medicinal que tem sido utilizada em Medicina Veterinária priorizando as ações de seus princípios ativos citral e mirceno presentes no óleo essencial. O citral possui ações calmantes e antiespasmódicas e o mirceno é analgésico. Assim, objetivou avaliar o uso do capim cidreira como aditivo em dietas para poedeiras semipesadas sobre o desempenho, a qualidade dos ovos e os aspectos comportamentais. Serão utilizadas 144 poedeiras semipesadas, distribuídas aleatoriamente entre os tratamentos, sendo alojadas em gaiolas de postura três a três. Os tratamentos consistiram da presença ou ausência do capim cidreira na dieta das poedeiras, fornecidos durante os períodos de pré-postura e postura. Serão avaliadas as variáveis de desempenho (peso corporal, produção de ovos, conversão alimentar por dúzia e por massa de ovos), qualidade externa (peso do ovo, gravidade específica, peso e espessura da casca) e interna de ovos (coloração de gema, unidade Haugh, peso de gema e clara) e a incidência de canibalismo. Os dados serão submetidos à análise fatorial 2x2, com nível de significância de 5%, e comparação de médias duas a duas pelo teste Tukey.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Integrante / Marcos Antonio Anciuti - Integrante / Fabiane Pereira Gentilini - Coordenador / Lilia Maria da Rosa Pereira - Integrante / Cristiéle Lange Contreira - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal Sul-Rio-Grandense - Bolsa.

  • 2013 - Atual

    Uso de planta bioativa na dieta de poedeiras semipesadas, Descrição: Algumas atividades de produção adotadas na cadeia produtiva de ovos têm gerado controvérsias frente à percepção pública e o manejo convencional e alojamento praticados comercialmente, como por exemplo, a debicagem das aves que vem recebendo atenção uma vez que é uma atividade que têm gerado discussões sobre o bem estar de poedeiras em sistemas de criação intensivos. Na postura comercial, o canibalismo é reduzido num lote quando as aves são debicadas. Esta é uma prática que em alguns países já foi banida, assim como a criação em gaiolas convencionais. A solução para os problemas de bem estar causados pelo canibalismo tem sido desejável na atualidade, considerando que a debicagem também implica em mudanças de comportamento que vem afetar negativamente o bem estar. O crescente uso de plantas medicinais ou bioativas na produção animal tem sido considerado uma alternativa preventiva para problemas sanitários e de comportamento. O capim cidreira (Cymbopogoncitratus) é uma planta medicinal que tem sido utilizada em Medicina Veterinária priorizando as ações de seus princípios ativos citral e mirceno presentes no óleo essencial. O citral possui ações calmantes e antiespasmódicas e o mirceno é analgésico. Assim, objetivou avaliar o uso do capim cidreira como aditivo em dietas para poedeiras semipesadas sobre o desempenho, a qualidade dos ovos e os aspectos comportamentais. Serão utilizadas 144 poedeiras semipesadas, distribuídas aleatoriamente entre os tratamentos, sendo alojadas em gaiolas de postura três a três. Os tratamentos consistiram da presença ou ausência do capim cidreira na dieta das poedeiras, fornecidos durante os períodos de pré-postura e postura. Serão avaliadas as variáveis de desempenho (peso corporal, produção de ovos, conversão alimentar por dúzia e por massa de ovos), qualidade externa (peso do ovo, gravidade específica, peso e espessura da casca) e interna de ovos (coloração de gema, unidade Haugh, peso de gema e clara) e a incidência de canibalismo. Os dados serão submetidos à análise fatorial 2x2, com nível de significância de 5%, e comparação de médias duas a duas pelo teste Tukey.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Integrante / Marcos Antonio Anciuti - Integrante / Fabiane Pereira Gentilini - Coordenador / Lilia Maria da Rosa Pereira - Integrante / Cristiéle Lange Contreira - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal Sul-Rio-Grandense - Bolsa.

  • 2013 - Atual

    Uso de planta bioativa na dieta de poedeiras semipesadas, Descrição: Algumas atividades de produção adotadas na cadeia produtiva de ovos têm gerado controvérsias frente à percepção pública e o manejo convencional e alojamento praticados comercialmente, como por exemplo, a debicagem das aves que vem recebendo atenção uma vez que é uma atividade que têm gerado discussões sobre o bem estar de poedeiras em sistemas de criação intensivos. Na postura comercial, o canibalismo é reduzido num lote quando as aves são debicadas. Esta é uma prática que em alguns países já foi banida, assim como a criação em gaiolas convencionais. A solução para os problemas de bem estar causados pelo canibalismo tem sido desejável na atualidade, considerando que a debicagem também implica em mudanças de comportamento que vem afetar negativamente o bem estar. O crescente uso de plantas medicinais ou bioativas na produção animal tem sido considerado uma alternativa preventiva para problemas sanitários e de comportamento. O capim cidreira (Cymbopogoncitratus) é uma planta medicinal que tem sido utilizada em Medicina Veterinária priorizando as ações de seus princípios ativos citral e mirceno presentes no óleo essencial. O citral possui ações calmantes e antiespasmódicas e o mirceno é analgésico. Assim, objetivou avaliar o uso do capim cidreira como aditivo em dietas para poedeiras semipesadas sobre o desempenho, a qualidade dos ovos e os aspectos comportamentais. Serão utilizadas 144 poedeiras semipesadas, distribuídas aleatoriamente entre os tratamentos, sendo alojadas em gaiolas de postura três a três. Os tratamentos consistiram da presença ou ausência do capim cidreira na dieta das poedeiras, fornecidos durante os períodos de pré-postura e postura. Serão avaliadas as variáveis de desempenho (peso corporal, produção de ovos, conversão alimentar por dúzia e por massa de ovos), qualidade externa (peso do ovo, gravidade específica, peso e espessura da casca) e interna de ovos (coloração de gema, unidade Haugh, peso de gema e clara) e a incidência de canibalismo. Os dados serão submetidos à análise fatorial 2x2, com nível de significância de 5%, e comparação de médias duas a duas pelo teste Tukey.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Márcio Paim Mariot - Integrante / Marcos Antonio Anciuti - Integrante / Fabiane Pereira Gentilini - Coordenador / Lilia Maria da Rosa Pereira - Integrante / Cristiéle Lange Contreira - Integrante., Financiador(es): Instituto Federal Sul-Rio-Grandense - Bolsa.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Prêmios

2017

Destaque na modalidade pôster na Jornada de Iniciação Científica e Tecnológica 2017. Bolsista Marcelo Jardim. Trabalho: Potencial do uso do campim-limão nativo como alternativa ao capim-limão exótico", Instituto federal Sul-rio-grandense.

2013

Finalista do 1º Concurso de ideias inovadoras da UFPel, Universidade Federal de Pelotas.

2012

Certificazione di italiano come lingua straniera: livello due - B2, Università per Stranieri di Siena.

2011

Premiação Nacional de Equipes. Diploma de reconhecimento pela participação como colaborador da equipe do projeto: Rede Nacional de Recursos Genéticos Vegetais - Rede Vegetal, Embrapa.

2007

I lugar do trabalho científico "Avaliação da ramificação desde a base em espinheira-santa (Maytenus ilicifolia), apresentado pelo orientado Paulo Ricardo Baier Siqueira no Congrega URCAMP 2007, Universidade Regional da Campanha (URCAMP).

1999

Agradecimento especial pela participacao como membro titular do Conselho tecnico Pedagõgico do CAVG;UFPel, CAVG;UFPel.

1999

Portaria de louvor com distinção pela atuação como chefe da Unidade Especial de Orientação Pedagógica do CAVG/UFPel, CAVG/UFPel.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Instituto Federal de Ciência e Tecnologia Sul-rio-grandense, Campus Pelotas - Visconde da Graça. , Av. Ildefonso Simões Lopes, 2791, Arco-Íris, 96060-290 - Pelotas, RS - Brasil, Telefone: (53) 32776700, Ramal: 35, Fax: (53) 32776700, URL da Homepage:

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2011 - Atual

    Instituto Federal Sul-Rio-Grandense

    Vínculo: Servidor público federal, Enquadramento Funcional: Professor efetivo, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Professor da disciplina de Produção Vegetal I no Curso Técnico em Agropecuária e das disciplinas Plantas Bioativas I, Plantas Bioativas II e Tecnologias para produção de plantas ornamentais e bioativas no Curso de Especialização Técnica de Nível Médio em Produção e Uso de Plantas Ornamentais e Bioativas.

    Atividades

    • 11/2017

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto Federal Sul-rio-grandense, .,Cargo ou função, Representante suplente do Instituto Federal Sul-rio-grandense no Conselho Municipal de Cultura de Pelotas.

    • 09/2017

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto Federal Sul-rio-grandense / Campus Pelotas - Visconde da Graça, .,Cargo ou função, Conselheiro do Campus Pelotas-Visconde da Graça, Instituto Federal Sul-rio-grandense - Portaria Nº. 2434/2017, de 04/09/2017..

    • 03/2016

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto Federal Sul-rio-grandense / Campus Pelotas - Visconde da Graça, .,Cargo ou função, Membro do Conselho do Campus Pelotas-Visconde da Graça/IFSul.

    • 11/2013

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto Federal Sul-rio-grandense / Campus Pelotas - Visconde da Graça, .,Cargo ou função, Membro do Conselho do Câmpus Pelotas-Visconde da Graça/IFSul.

    • 04/2013

      Direção e administração, Instituto Federal Sul-rio-grandense / Campus Pelotas - Visconde da Graça, .,Cargo ou função, Cargo de Direção: Chefe do Departamento de Pesquisa, Extensão e Pós-graduação - Portaria N.903, publicado no DOU de 03/04/2013 (gratificação CD4).

    • 03/2013

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto Federal Sul-rio-grandense / Campus Pelotas - Visconde da Graça, .,Cargo ou função, Consultor ad hoc para projetos de extensão na área de desenvolvimento agrário.

    • 02/2013

      Outras atividades técnico-científicas , Instituto Federal Sul-rio-grandense / Campus Pelotas - Visconde da Graça, Instituto Federal Sul-rio-grandense / Campus Pelotas - Visconde da Graça.,Atividade realizada, Líder do Grupo de Pesquisa: Plantas bioativas no Sul do Brasil.

    • 04/2012

      Ensino, Produção e Uso de PLantas Ornamentais e Bioativas, Nível: Especialização,Disciplinas ministradas, Plantas Bioativas II

    • 08/2011

      Ensino, Produção e Uso de PLantas Ornamentais e Bioativas, Nível: Especialização,Disciplinas ministradas, Plantas Bioativas I, Tecnologia para produção de plantas ornamentais e bioativas

    • 01/2011

      Pesquisa e desenvolvimento , Instituto Federal Sul-rio-grandense / Campus Pelotas - Visconde da Graça, .,Linhas de pesquisa

    • 03/1997

      Ensino,,Disciplinas ministradas, Produção Vegetal I

    • 05/2014 - 06/2014

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto Federal Sul-rio-grandense / Campus Pelotas - Visconde da Graça, .,Cargo ou função, Membro da Comissão do Plano de Desenvolvimento Institucional do Instituto Federal Sul-rio-grandense.

    • 08/2011 - 03/2013

      Ensino, Produção e Uso de PLantas Ornamentais e Bioativas, Nível: Especialização,Disciplinas ministradas, Manipulação artesanal de plantas bioativas, Pós-colheita de plantas ornamentais e bioativas

    • 09/2011 - 12/2012

      Direção e administração, Instituto Federal Sul-rio-grandense / Campus Pelotas - Visconde da Graça, .,Cargo ou função, Coordenador do Curso Técnico em Agropecuária.

    • 06/2011 - 12/2011

      Direção e administração, Instituto Federal Sul-rio-grandense / Campus Pelotas - Visconde da Graça, .,Cargo ou função, Coordenador do Curso de Especialização Técnica de Nível Médio em Produção e Uso de Plantas Ornamentais e Bioativas.

  • 1997 - 2010

    Universidade Federal de Pelotas

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor titular, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Professor da Área de Agricultura do Conjunto Agrotécnico "Visconde da Graça", Universidade Federal de Pelotas - (CAVG/UFPel). Disciplinas ministradas: Produção Agropecuária e Agroindustrial, Agricultura Geral, Agricultura Geral I e Agricultura Geral II.

  • 1996 - 1996

    Universidade Federal de Pelotas

    Vínculo: Professor Visitante, Enquadramento Funcional: Professor visitante, Carga horária: 8, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Ministrei, como professor visitante, 8 horas-aula na disciplina de Laboratório de Fisiologia Vegetal I, no curso de Pós-Graduação em Fisiologia Vegetal - Departamento de Botânica - Instituto de Biologia - UFPel.

  • 1995 - 1996

    Universidade Federal de Pelotas

    Vínculo: Professor Visitante, Enquadramento Funcional: Professor visitante, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Professor visitante de Fisiologia Vegetal - Departamento de Botânica - Instituto de Biologia - UFPel.

  • 1994 - 1995

    Universidade Federal de Pelotas

    Vínculo: Outro, Enquadramento Funcional: Professor substituto, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Professor substituto de Fisiologia Vegetal - Departamento de Botânica - Instituto de Biologia - UFPel.

  • 1993 - 1994

    Universidade Federal de Pelotas

    Vínculo: Outro, Enquadramento Funcional: Professor substituto, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Professor substituto de Genética Vegetal - Departamento de Zoologia e Genética - Instituto de Biologia - UFPel.

    Atividades

    • 03/1997 - 03/2011

      Ensino,,Disciplinas ministradas, Agricultura, Módulo de Agricultura Geral (Climatologia Agrícola), Produção Agropecuária e Agroindustrial (Agricultura)

    • 10/2007 - 12/2010

      Pesquisa e desenvolvimento , Universidade Federal de Pelotas, .,Linhas de pesquisa

    • 03/2002 - 12/2010

      Pesquisa e desenvolvimento , Conjunto Agrotécnico Visconde da Graça, Conjunto Agrotécnico Visconde da Graça.,Linhas de pesquisa

    • 03/2007 - 12/2009

      Extensão universitária , Universidade Federal de Pelotas, .,Atividade de extensão realizada, Assistência técnica no Projeto Cerrito Alegre: construindo o desenvolvimento local pela inclusão social, através de orientação na produção de hortaliças e plantas medicinais, aromáticas e condimentares.

    • 01/2001 - 04/2002

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Conjunto Agrotécnico Visconde da Graça, Conjunto Agrotécnico Visconde da Graça.,Cargo ou função, Membro de conselho (Conselho Técnico Pedagógico do CAVG/UFPel)..

    • 01/2001 - 12/2001

      Direção e administração, Conjunto Agrotécnico Visconde da Graça, Conjunto Agrotécnico Visconde da Graça.,Cargo ou função, Coordenador de Curso.

    • 09/2001 - 10/2001

      Ensino,,Disciplinas ministradas, Curso de Plantas Medicinais.

    • 10/2000 - 11/2000

      Ensino,,Disciplinas ministradas, Curso: Métodos alternativos de controle de pragas e doenças de plantas.

    • 09/2000 - 09/2000

      Ensino,,Disciplinas ministradas, Curso de Plantas Medicinais

    • 12/1998 - 10/1999

      Direção e administração, Conjunto Agrotécnico Visconde da Graça, Conjunto Agrotécnico Visconde da Graça.,Cargo ou função, Chefe da Unidade Especial de Orientação Pedagógica (FG4).

    • 12/1998 - 10/1999

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Conjunto Agrotécnico Visconde da Graça, Conjunto Agrotécnico Visconde da Graça.,Cargo ou função, Membro de conselho (Conselho Técnico Pedagógico do CAVG/UFPel).

    • 02/1999 - 03/1999

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Conjunto Agrotécnico Visconde da Graça, Conjunto Agrotécnico Visconde da Graça.,Cargo ou função, Membro de comissão temporária para adequação do regimento do CAVG/UFPel de acordo com o novo modelo pedagógico, baseado na LDB, quanto à reestruturação do ensino médio e da educação profissional..

    • 01/1998 - 12/1998

      Direção e administração, Conjunto Agrotécnico Visconde da Graça, Conjunto Agrotécnico Visconde da Graça.,Cargo ou função, Coordenador da Área de Agricultura.

    • 05/1998 - 11/1998

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Universidade Federal de Pelotas, .,Cargo ou função, Membro de comissão temporária (membro da comissão coordenadora e coordenador da sub-comissão científica do XI Encontro de Professores de Escolas Agrotécnicas e Agrícolas Federais da Região Sul..

    • 10/1997 - 03/1998

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Conjunto Agrotécnico Visconde da Graça, Conjunto Agrotécnico Visconde da Graça.,Cargo ou função, Membro de comissão temporária para analisar e propor, com base na LDB - Lei nº 2208 e Portaria Ministerial nº 646 - a reforma curricular do ensino médio e profissionalizante do Curso Técnico em Agropecuária..

    • 05/1996 - 05/1996

      Ensino, Fisiologia Vegetal, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, Laboratório de Fisiologia Vegetal I

    • 05/1995 - 05/1996

      Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Fisiologia Vegetal

    • 03/1995 - 03/1996

      Pesquisa e desenvolvimento , Instituto de Química e Geociências, Departamento de Bioquímica.,Linhas de pesquisa

    • 05/1994 - 05/1995

      Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Fisiologia Vegetal

    • 10/1993 - 02/1994

      Ensino, Agronomia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Genética