Suzana Lucy Nixdorf

Possui doutorado em Química (Físico-Química) pela Universidade de São Paulo, IQSC-USP (2000). Mestrado em Química (Analitica) pela Universidade Estadual de Maringá (1996). Atualmente é Pesquisadora e Professora Associada C da Universidade Estadual de Londrina. Possui trabalhos em colaboração com Universidad Castilla-La Mancha - Espanha - com estadas em 2008, 2009, 2011, 2013, 2017. Foi vice e Coordenadora do Curso de Mestrado Profissional em Toxicologia Aplicada à Vigilância Sanitária da UEL para ANVISA. Coordena o Laboratório Multiusuário LAPA (Laboratório de Apoio à Pesquisa Agropecuária) com equipamentos de grande porte financiados pela FINEP, incluindo HPLCs, ICP/MS, absorção atômica, NIR, EDX, entre outros. Assessora Científica da Fundação Araucária. Atua como coordenadora e colaboradora de Projetos de Pesquisa Multidisciplinares em Rede de Nanotecnologia e PROCAD 2013. Orienta na Graduação em Química estudantes de Iniciação Científica (Junior, Pesquisa, Inovação eTecnologia e Inclusão Social) e Trabalhos de Conclusão de Curso. Atua na Pós-graduação como orientadora no Mestrado Profissional (PROFQUI), Mestrado e Doutorado em Química da UEL, Mestrado em Toxicologia, e Doutorado da Química Associação UEL-UEPG-UNICENTRO, co-orientou estudantes de doutorado de Agronomia, Farmácia e Tecnologia de Alimentos. Tem experiência na área de Química, com ênfase em Cromatografia e Técnicas de Separação, preparo de amostras e espectroscopia NIR e instrumentação analítica. Lidera o Grupo DIA cadastrado no Diretório do CNPq. Atua no desenvolvimento e validação de métodos analíticos e instrumentação empregando HPLC aplicadas a alimentos, medicamentos e fitocompostos, amostras de meio ambiente e saúde humana, visando melhoria da qualidade de vida. Especialista em carboidratos. Principais matrizes de estudo: café, vinho e leite. Pedido de patente de kits para detecção de formol em leite, micro-barra de extração sortiva e softwares com Registro no INPI. Bolsista Produtividade CNPq DT-2 na Área de Química.

Informações coletadas do Lattes em 09/04/2019

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em Química (Físico-Química)

1996 - 2000

Universidade de São Paulo
Título: Desenvolvimento de sistema instrumental automatizado para cromatografia
Fernando Mauro Lanças. Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Palavras-chave: Instrumentação; Automação; Cromatografia; Sistema Injetor; Multi-detecção; Detector Pulso Amperométrico - PAD. Grande área: Ciências Exatas e da TerraGrande Área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Química / Subárea: Química Analítica / Especialidade: Instrumentação Analítica. Setores de atividade: Fabricação de Equipamentos de Instrumentação Médico-Hospitalares, Instrumentos de Precisão e Ópticos, Equipamentos Para Automação Industrial, Cronômetros e Relógios.

Mestrado em Química

1992 - 1996

Universidade Estadual de Maringá
Título: Colesterol do Corpo à Mesa,Ano de Obtenção: 1996
Orientador: Nilson Evelázio de Souza
Palavras-chave: Colesterol; CG; Alimentos; Metodologia.Grande área: Ciências Exatas e da Terra

Especialização em Especialização Em Química

1988 - 1991

Universidade Estadual de Londrina
Título: Determinação do Teor de Cafeína em Chá por CLAE
Orientador: Carlos Alberto Perez

Graduação em Química

1982 - 1986

Departamento de Química

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2018 - 2018

Extensão universitária em FOTOGRAFIA COM O CELULAR PARA REDES SOCIAIS - T 01. (Carga horária: 20h). , Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.

2018 - 2018

Automação de Instrumentação Laboratorial Empregando as Plataformas Raspberr. (Carga horária: 2h). , Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.

2018 - 2018

Researcher Connect - Communication skills. (Carga horária: 24h). , British Council, Inglaterra.

2017 - 2017

Comportamentos e atitudes como diferencial competitivo no atendimento. (Carga horária: 8h). , Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.

2016 - 2016

Criaĕvidade e modelagem de negócios (Canvas). (Carga horária: 8h). , Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.

2016 - 2016

Criatividade e modelagem de negócios - Canvas. (Carga horária: 8h). , Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.

2016 - 2016

Precificação e Valoração de Tecnologia. (Carga horária: 8h). , Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.

2016 - 2016

Plano de Negocios. (Carga horária: 8h). , Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.

2016 - 2016

Fundamentos, Instrumentação e Aplicação de HPLC/U-HPLC/MS/MS. (Carga horária: 2016h). , Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.

2016 - 2016

Detecção ultrassensível de biomarcadores e o diagnóstico precoce de doença. (Carga horária: 3h). , Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.

2016 - 2016

Curso de Fotografia Digital - Teoria e Prática. (Carga horária: 15h). , Foto Clube de Londrina, FOTO CLUBE, Brasil.

2016 - 2016

Avanços RTecentes no Preparo de Amostras (WARPA). (Carga horária: 4h). , Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.

2016 - 2016

Planejamento de experimentos na otimização de métodos analíticos. (Carga horária: 8h). , Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.

2013 - 2013

Biossensores. (Carga horária: 8h). , Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.

2012 - 2012

Boas Práticas de Pesagem/ Mediçoes Eletroquímicas. (Carga horária: 6h). , Mettler - Toledo.Ag, MT, Suiça.

2011 - 2011

Espectroscopia no IV próximo: aplicaçoes na anális. (Carga horária: 20h). , Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.

2010 - 2010

Uso de tecnologia em sala de aula, contexto pedagó. (Carga horária: 6h). , Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.

2010 - 2010

Teoria e prática NIRS, ISISCAN/WinISIII. (Carga horária: 16h). , FOSS Brasil, FOSS, Brasil.

2010 - 2010

Treinamento em acoplamento de LC com ICP-MS. (Carga horária: 32h). , Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.

2010 - 2010

Técnicas Modernas em Espectrometria de Massas. (Carga horária: 12h). , Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.

2009 - 2009

Sensores opticos químicos para monitorización medi. (Carga horária: 15h). , Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.

2009 - 2009

Validação de Metodologia Analítica. (Carga horária: 7h). , Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.

2009 - 2009

Cromatografia de Íons. (Carga horária: 4h). , Universidade Federal do Paraná, UFPR, Brasil.

2009 - 2009

A Comunicação Pedagógica em Apresentação de Seminá. (Carga horária: 2h). , Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.

2009 - 2009

Compostos fenólicos: Do cafeeiro ao Corpo Humano. (Carga horária: 2h). , Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.

2009 - 2009

FÓRUM 2009 DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇAO. (Carga horária: 8h). , Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.

1998 - 1998

The Mass Spectrometry As Detector In Chromatograph. (Carga horária: 16h). , Universidade de São Paulo, USP, Brasil.

1996 - 1996

Extensão universitária em I Curso Brasileiro de Sabor de Alimentos. (Carga horária: 24h). , Universidade Estadual de Campinas, UNICAMP, Brasil.

1995 - 1995

Extensão universitária em Planejamento e Otimização de Experimentos. (Carga horária: 12h). , Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.

1995 - 1995

Extensão universitária em O Que Você Gostaria de Saber Sobre Ligações Químic. (Carga horária: 12h). , Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.

1995 - 1995

Extensão universitária em Interfaceamento e Fia. (Carga horária: 12h). , Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.

1995 - 1995

Extensão universitária em Avaliação da Qualidade de Sistemas Aquáticos. (Carga horária: 12h). , Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.

1995 - 1995

Instrumentação de Processo E Controle Básico A. (Carga horária: 44h). , Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.

1993 - 1993

Extensão universitária em Catálise Homogênea. (Carga horária: 6h). , Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.

1993 - 1993

Extensão universitária em Alquimia Surgimento e Evolução. (Carga horária: 6h). , Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.

1992 - 1992

Extensão universitária em Espectrometria de Massa Avanços e Aplicações. (Carga horária: 40h). , Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.

1991 - 1991

Extensão universitária em Digestão Anaeróbica Em Resíduos. (Carga horária: 12h). , Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.

1991 - 1991

Extensão universitária em Tópicos de Processo Fermentativos Industriais. (Carga horária: 12h). , Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.

1991 - 1991

Extensão universitária em Produção de Enzimas de Interesse Comercial. (Carga horária: 12h). , Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.

1990 - 1990

Extensão universitária em Fermentações Industriais. (Carga horária: 12h). , Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.

1990 - 1990

Extensão universitária em Eletrodo Íon Seletivo. (Carga horária: 12h). , Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.

1990 - 1990

Lotus Básico. (Carga horária: 40h). , Companhia Cacique de Café Solúvel S A, CACIQUE, Brasil.

1989 - 1989

Extensão universitária em Planejamento e Otimização de Métodos e Processos Q. (Carga horária: 15h). , Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.

1989 - 1989

Extensão universitária em Química Computacional Estrutura Ligações e Força M. (Carga horária: 12h). , Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.

1988 - 1988

Extensão universitária em Alguns Aspectos da Polarografia e Suas Aplicações. (Carga horária: 12h). , Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.

1988 - 1988

Extensão universitária em Polímeros Conceitos Básicos. (Carga horária: 12h). , Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.

1988 - 1988

Extensão universitária em Introdução à Ressonância Magnética Nuclear do Carb. (Carga horária: 12h). , Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.

1988 - 1988

Curso Intensivo de Cromatografia Líquida. (Carga horária: 40h). , Altec Indústria e Comércio de Instrumentos Ltda, ALTEC, Brasil.

1987 - 1987

Cromatografia Gasosa Básica. (Carga horária: 24h). , L M Alta Tecnologia Para Sistemas Analíticos Ltda, L&M, Brasil.

1986 - 1986

Extensão universitária em A Química dos Detergentes e Sua Aplicação. (Carga horária: 12h). , Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.

1986 - 1986

Extensão universitária em Petróleo Lubrificantes e Lubrificação. (Carga horária: 16h). , Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Inglês

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Espanhol

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Pouco.

Português

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Alemão

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

    Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Química / Subárea: Química Analítica/Especialidade: Separação.

    Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Química / Subárea: Química Analítica/Especialidade: Instrumentação Analítica.

    Grande área: Ciências Agrárias / Área: Ciência e Tecnologia de Alimentos.

    Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Química / Subárea: Físico-Química/Especialidade: Eletroquímica.

    Grande área: Ciências da Saúde / Área: Farmácia / Subárea: Garantia e controle de qualidade farmacêuticos.

    Grande área: Ciências da Saúde / Área: Farmácia / Subárea: Avaliação e analises toxicológicas.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

YABE, M.J.S. ; NIXDORF, S. L. ; ALMEIDA, M. B. ; MADEIRA, T. B. . Is the capilary zone electrophoresis a sufficient technique for determination of pathogens?. 2018. (Outro).

HIROOKA, Elisa Yoko ; NIXDORF, S. L. ; KURODA, Emília Kiyomi . FUNDAMENTOS, INSTRUMENTAÇÃO E APLICAÇÃO DE HPLC / U-HPLC ACOPLADO A ESPECTROMETRIA DE DE MASSAS. 2016. (Outro).

PEREZ, C. C. ; Suzana Lucy Nixdorf ; BISPO, M. B. ; ARRIGO, V. ; MATOS, R. ; KILLNER, M. H. M. . XXXII Semana da Química - Ciência e Tecnologia Química na Saúde. 2016. (Outro).

NIXDORF, S. L. ; ALVES, João Carlos ; DANGUI, A. C. M. ; PEREIRA, A. J. F. ; BENUTO, B. C. ; CORSINO, D. L. M. ; RODRIGUEZ, D. B. ; DOMINGUES, E. I. ; RIBAS, J. F. ; SANTOS NETO, J. L. ; NAGAO, K. Y. H. ; MAIA, L. N. ; MISQUEVIS, M. ; GALVÃO, M. C. O. ; ALMEIDA, V. L. . XXXI Semana de Química da UEL 2015- A QUÍMICA E A SUA MULTIDISCIPLINARIDADE. 2015. (Outro).

BUTERA, A. P. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; YABE, M.J.S. ; SOUZA, M. C. C. ; Suzana Lucy Nixdorf ; MONTEIRO, Alessandra Maffei ; SALAMANCA NETO, C.A.R. ; Marques, L. A. ; ALMEIDA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; ESTEVES, H. . XXX Semana da Quimica. 2014. (Congresso).

RABITO, M. F. ; NIXDORF, S. L. ; HIROOKA, Elisa Yoko ; ALMEIDA, M. B. ; SILVA, M. B. ; MADEIRA, T. B. . Evolução da cromatografia líquida e suas aplicações. 2012. (Outro).

HERMOSÍN-GUTIÉRREZ, Isidro ; NIXDORF, S. L. ; HIROOKA, Elisa Yoko ; CONSTANTINO, L. V. . Determinações de compostos fenólicos em alimentos por LC/MS/MS. 2012. (Outro).

José Wilson Castro ; Renato Dias Cruz ; Joao Luiz Laurindo ; NIXDORF, S. L. . Potencialidades e avanços de softwares de cromatografia ? HPLC. 2011. (Outro).

NIXDORF, S. L. ; GOVEIA, M. S. ; CONSTANTINO, L. V. ; BELOTI, V. . Utilização da Cromatografia Líquida (HPLC) e Gasosa (CG) como ferramenta de inspeção em alimentos humanos e animais. 2011. (Outro).

NIXDORF, S. L. ; HIROOKA, Elisa Yoko ; SILVA, M. B. ; MARCHIORI, M. U. . Boas Práticas de Pesagem e Pipetagem. 2011. (Outro).

HIROOKA, Elisa Yoko ; NIXDORF, S. L. ; GARCIA, Sandra ; KURODA, Emília Kiyomi ; ONO, Elisabete Yurie Sataque . Seminário em Nanobiotecnologia: Ciência Básica à Tecnologia e Engenharia (Evento do Grupo). 2011. (Outro).

HIROOKA, Elisa Yoko ; NIXDORF, S. L. ; GARCIA, Sandra ; KURODA, Emília Kiyomi ; ONO, Elisabete Yurie Sataque . Seminário em Nanobiotecnologia: Ciência Básica à Tecnologia e Engenharia (Evento do Grupo). 2011. (Outro).

NIXDORF, S. L. . XXVI Semana De Química e III Jornada de Pós-Graduaçao em Química. 2010. (Outro).

NIXDORF, S. L. . Curso de Treinamento em sistema de HPLC integrado. 2009. (Outro).

NIXDORF, S. L. ; HIROOKA, Elisa Yoko ; ONO, Elisabete Yurie Sataque ; KURODA, Emília Kiyomi . Avanços e tendências atuais em HPLC. 2009. (Outro).

NIXDORF, S. L. ; DINIZ, Andréa ; FURLANETO, Márcia . Seminários sobre metodologias científicas multidisciplinares e práticas associadas. 2009. (Outro).

Nixdorf, Suzana L. ; GUEDES, Carmen Luísa Barbosa ; PAULI, Elis Daiane ; DOMINGUES, D. S. ; MORAES, Jaqueline Tobias de . 3º Ciclo de Apresentações de TCC do Curso de Química. 2009. (Outro).

HIROOKA, Elisa Yoko ; NIXDORF, S. L. . Espectrometria de massa principios e aplicações. 2008. (Outro).

NIXDORF, S. L. ; GUEDES, Carmen Luísa Barbosa . 2º Ciclo de Apresentações de TCC do Curso de Química. 2008. (Outro).

SANTANA, Henrique de ; NIXDORF, S. L. . XXIII Semana da Química. 2007. (Outro).

NIXDORF, S. L. . Informação básica em propriedade intelectual patentes de invenções químicas, biotecnológicas e farmacêuticas. 2007. (Outro).

NIXDORF, S. L. . 1º Ciclo de Apresentação dos Trabalhos de Conclusão de Curso (TCC) do Curso de Química. 2007. (Outro).

GUEDES, Carmen Luísa Barbosa ; NIXDORF, S. L. ; ALFAYA, Reni da Silva . XXII Semana de Química. 2006. (Outro).

DALL'ANTONIA, Luiz Henrique ; SANTANA, Henrique de ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; ZAIA, Dimas Augusto Morozin ; NIXDORF, S. L. . XV SIBEE - SIMPÓSIO BRASILEIRO DE ELETROQUÍMICA E ELETROANALÍTICA. 2005. (Congresso).

ALFAYA, Reni da Silva ; NIXDORF, S. L. ; ALMEIDA, Flaveli Aparecida de Souza ; ANDRADE, Sueli Rodrigues Cabeleira de . XXI Semana de Química. 2005. (Outro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

?Estado da arte das metodologias para determinação da qualidade e identidade do café torrado e moído: estudos, perspectivas e subsídios aplicados à regulamentação?.Presença de matéria estranha e impurezas no café torrado e moído, afetando diretamente a qualidade da bebida. 2018. (Outra).

19o Encontro Nacional de Química Analítica (ENQA) e 7o Congresso Iberoamericano de Química Analíticda.Desenvolvimento de um sistema FIA automatizado para determinação potenciométrica de fluoreto em águas. 2018. (Encontro).

5th Scientific Conference Metabolomics Circle 2018. USE OF METABOLOMICS IN SEARCHING FOR ACTIVE COMPOUNDS AGAINST LEISHMANIA AMAZONENSIS. 2018. (Congresso).

8o Encontro Anual de Iniciação Tecnológica e Inovação - EAITI.DESENVOLVIMENTO DE FASE MONOLITICA IN TUBE PARA ANÁLISES EM EXTRAÇÃO EM FASE SÓLIDA. 2018. (Encontro).

XXV Encontro de Quimica da Região Sul - SBQSul 2018 Química: Do Conhecimento à Inovação. QUANTIFICAÇÃO DE MARCADORES DE ATIVIDADE ANTRÓPICA E POLUIÇÃO EM ÁGUAS SUPERFICIAIS POR LC-MS/MS. 2018. (Congresso).

5o Congresso Analitica Latin America. MÉTODO SENSÍVEL E RÁPIDO PARA QUANTIFICAÇÃO SIMULTÂNEA DE XANTINAS EM PLASMA HUMANO E ANIMAL POR CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ULTRA-ALTA EFICIÊNCIA ACOPLADA A ESPECTROMETRIA DE MASSAS. 2017. (Congresso).

ExTech 2017 - 19th International Symposium on Advances in Extraction Technologies.POTENTIAL OF SBSE APPLIED TO THERAPEUTIC DRUG MONITORING IN PLASMA. 2017. (Simpósio).

HPLC 2017-45th International Symposium on High Performance Liquid Phase Separations.Trattinnickia rhoifolia extract profile and biomarkers determined by HRGC-MS/MS and UPLC-MS/MS for leishmaniasis treatment. 2017. (Simpósio).

XXXII Semana da Química ? Tecnologia em Química: Inovações na Indústria, Pesquisa e Ensino.DESENVOLVIMENTO DE SISTEMA UTILIZANDO SMARTPHONE PARA AQUISIÇÃO E ANÁLISE DE IMAGENS DIGITAIS PARA A DETERMINAÇÃO DE ÍONS DICROMATO. 2017. (Outra).

18o Encontro Nacional de Quimica Anal[itica.DESENVOLVIMENTO E VALIDAÇÃO DO MÉTODO DE ANÁLISE DE FORMOL EM LEITE EMPREGANDO IMAGENS DIGITAIS VIA SCANNER. 2016. (Encontro).

I Fórum de Internacionalização da UEL. 2016. (Outra).

II Encontro de Química da UNOPAR - Arapongas "Química a mesa".O que você gostaria de saber quanto à qualidade dos vinhos brasileiros. 2016. (Encontro).

VIII Encontro de Discentes e Docentes do Doutorado Associado em Química UEL-UEPG-UNICENTRO.Determinação de multiresíduos de pesticidas empregando método desenvolvido por cromatografia liquida (UHPLC-ESI-MS/MS) com monitoramento de reações múltiplas (MRM) em diferentes amostras de águas. 2016. (Simpósio).

VII Workshop de Quimiometria.Avaliação do potencial da cafeína e trigonelina como marcadores químicos para discriminação de amostras puras e blends de cafés arábica, conilon, torrado e moído comerciais e adulterantes. 2016. (Outra).

XXXII Semana da Quimica - Ciencia e Tecnologia Quimica.Estabelecimento de padrão oficial de qualidade dos cafés comerciais torrados e moídos brasileiros por meio de marcadores químicos e quimiometria. 2016. (Outra).

4o Congresso Analítica Latin America. DETECCAO DE FORMOL EM LEITE POR SCANNER. 2015. (Congresso).

I Encontro Regional do Fórum Estadual de Agrotóxico.Agrotóxicos e suas consequências para a Saúde e Meio Ambiente. 2015. (Encontro).

VII Encontro de Discentes e Docentes do Doutorado Associado em Química - UEL-UEPG-UNICENTRO.Potenciais aplicações da espectroscopia NIR e cromatografia no estudo da qualidade do café. 2015. (Encontro).

XXIV Congresso da Sociedade Brasileira de Parasitologia - SBP XXIII Congresso Latino americano de Parasitologia - FLAP. Atividade leishmanicida de extratos brutos de folhas de Protium pilosum em Leishmania amazonensis. 2015. (Congresso).

XXIV EAIC- Encontro Anual de Iniciação Científica.ENSAIO DE DISSOLUÇÃO PARA FUMARATO DE TENOFOVIR DESOPROXILA: DESENVOLVIMENTO E AUTOMAÇÃO. 2015. (Encontro).

XXXI - Semana da Química da UEL - A Química e sua Multidisciplinarinaridade.Determinação de atividade antioxidante em vinhos tintos do sul do Brasil. 2015. (Outra).

248th American Chemical Society National Meeting and Exposition. Strategy to detect adulterations in ground roasted coffee: An association of carbohydrates content and profiles with chemometric tools. 2014. (Congresso).

30th International Symposium on MicroScale Bioseparations, MSB 2014.Evaluation of a ?home- made? mini stir bar for fluoxetine determination in human plasma by PDMS SBSE/HPLC-UV applying experimental design. 2014. (Simpósio).

BIT¨s 3rd Annual Conference AnalytiX 2014. Roasted and Ground Coffee Adulterations Detected by HPLC. 2014. (Congresso).

Fundamentos de Isoterma de Sorcao. 2014. (Outra).

I NanoFE-Sintese de nanocompostos de ferro objetivando a solucao de problemas ambientais e de saude animal. 2014. (Encontro).

I Simpósio de Inovaçao, Empreendedorismo e Sustentabilidade da UTFPR, Câmpus Londrina.Cromatografia. 2014. (Simpósio).

VI Encontro de Discentes e Docentes do Doutorado Associado em Química UEL/UEPG/UNICENTRO.Desenvolvimento de técnicas extrativas para análise de pesticidas. 2014. (Encontro).

3º Congresso Analítica Latin America. VIABILIDADE DO USO DE NIR NO CONTROLE INDUSTRIAL DE UMIDADE DE OVO EM PÓ. 2013. (Congresso).

Extech 2013 ? 15th International Symposium on Advances in Extraction Technologies.Comparison of extraction methods for free sugar analysis in green coffee. 2013. (Simpósio).

HPLC 2013-39th International Symposium on High Performance Liquid Phase Separations and Related Technique.Development of Method for Extraction and Chromatographic Determining of Free Sugars in Green Coffee Beans. 2013. (Simpósio).

III SIMBBTEC - III SIMPÓSIO DE BIOQUÍMICA E BIOTECNOLOGIA- Biotecnologia e Cadeias Produtivas.Estudo da caracterização química de cafés premiados pela boa qualidade. 2013. (Simpósio).

II Seminário em Formaçao Integrada em Nanobiotecnologia.Relatos sobre participaçao no 39th International Symposium on High Performance Liquid Phase Separations and Related Technique.. 2013. (Seminário).

XXIX Semana da Química e VI Jornada de Pós-Graduaçao em Química.TEORES DE UMIDADE E GLICOSE EM AMOSTRAS DE FARINHA DE TRIGO INTEGRAL POR ESPECTROSCOPIA DE INFRAVERMELHO PRÓXIMO. 2013. (Outra).

6o Congresso Nacional de Extensao Universitária/15o Encontro dede. CAFÉ EM PÓ - PURO OU ADULTERADO?. 2012. (Congresso).

Ecotoxicologia como ferramenta para o monitoramento dos ecossitemas aquáticos. 2012. (Outra).

II Seminário em Formaçao Integrada em Nanobiotecnologia: Ciência Básica â Tecnologia e Engenharia.Relatos sobre participaçao no 2o Analitica Latin America, Pitcon 2012, Virginia University, EUA. 2012. (Outra).

Pittcon 2012 - The Pittsburgh Conference on Analytical Chemistry & Applied Spectroscopy. CHARACTERIZATION OF COFFEE ADULTERANTS THROUGH CARBOHYDRATE PROFILE. 2012. (Congresso).

VIII Workshop Paranaense de Pós-Graduaçao em Química. 2012. (Outra).

XIV Congresso Latino Americano de Cromatografia e Técnicas Relacionadas (COLACRO). VALIDAÇÃO DE MÉTODO EMPREGANDO IMUNOAFINIDADE E HPLCFLUORESCÊNCIA COM INCERTEZA ASSOCIADA NA DETERMINAÇÃO DE OCRATOXINA A EM GRÃO DE CAFÉ VERDE. 2012. (Congresso).

XXVIII Semana da Química e V Jornada de Pós-Graduação em Química: Química na Indústria.Contribuiçao da Química na Qualidade de Vida. 2012. (Outra).

19o Encontro Estadual do Café - Renda da família rural na produçao de café como alimento saudável.. 2011. (Encontro).

1º Simpósio Nacional de Iniciaçao Científica e III Mostra de Trabalhos da Pós-Graduaçao.Avaliação Físico-Química de Cápsulas Manipuladas de Fluconazol 150 mg. 2011. (Simpósio).

2o Congresso Analitica Latin America. AVALIAÇÃO DE IMPUREZAS EM CAFÉ TORRADO E MOÍDO. 2011. (Congresso).

34 Reunião Anual da Sociedade Brasileira da Química. PARÂMETROS DE VALIDAÇÃO DE MÉTODO CROMATOGRÁFICO PARA MONITORAMENTO DE EXPOSIÇÃO OCUPACIONAL AO CHUMBO. 2011. (Congresso).

Cogumelos: biodiversidade, papel ecológico e potencial de uso. 2011. (Outra).

Estruturaçao de superfícies de eletrodos para desenvolvimento de sensores eletroquímicos. 2011. (Outra).

HPLC 2011 (36th International Symposium on High Performance Liquid Phase Separations and Related Techniques.Transport evaluation of the herbicide diuron and its metabolites simultaneously detected by HPLC-DAD. 2011. (Simpósio).

II Seminário Mercosul de Bebidas.Características e Qualidade dos Vinhos Bordô nas Regioes Oeste e Sudoeste do Paraná. 2011. (Seminário).

VI WORKSHOP DE PÓS-GRADUAÇAO EM QUÍMICA DO ESTADO DO PARANÁ. 2011. (Outra).

XXVII Semana da Química e IV Jornada de Pós-Graduação em Química da Universidade Estadual de Londrina.Galactose e manose do café solúvel empregando técnicas distintas: HPLC-UV-VIS com pós coluna e NIR. 2011. (Outra).

IV Simpósio Brasileiro de Cromatografia e Técnicas Afins (SIMCRO 2010) e I Wokshop sobre Resíduos e Contaminantes em Alimentos e Fluídos Biológicos (ReCAFlub).DETERMINAÇÃO DE ADULTERAÇÃO EM CAFÉS TORRADO COMERCIAIS EMPREGANDO HPAEC-PAD E QUIMIOMETRIA. 2010. (Simpósio).

V ENCONTRO DE BOLSISTAS DO PROGRAMA DE APOIO A AÇOES AFIRMATIVA PARA INCLUSAO SOCIAL.MDA UTILIZADO COMO BIOMARCADOR DE CONTAMINAÇÃO POR LEISHMANIA. 2010. (Encontro).

XVIII Encontro de Química da Região Sul - SBQSul 2010.Perfil químico e controle físico-químico para a determinação de parâmetros para controle de qualidade da Equisetum giganteum. 2010. (Encontro).

XXVI Semana De Química e III Jornada de Pós-Graduaçao em Química.Controle físico-químico da Equisetum giganteum. 2010. (Outra).

3o Congresso Nacional de Extensao Universitári/12o Encontro Nacional de Atividades Científicas da UNOPAR. Emprego de Planejamento centróide-simplex na extraçao de ácido caurenóico de Mikania Glomerata avaliado por Cromatografia Gasosa acoplada a Espectrometria de Massas. 2009. (Congresso).

Congresso Analitica Latin America. Sistema Instrumental Desenvolvido na UEL permite monitoramento e controle automático 24 horas via webcam de pH e condutividade do cultivo de alface hidroponica. 2009. (Congresso).

FÓRUM 2009 DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DA UEL. 2009. (Outra).

VIth Symposium In Vino Analytica Scientia.Brazilian Red Wines Made from the Hybrid Grape Cultivar Isabel: Phenolic Composition and Antioxidant Capacity. 2009. (Simpósio).

V Workshop Paranaense de Pós-Graduaçao em Química. 2009. (Outra).

XVIII ENCONTRO ANUAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA.COMPARAÇÃO DA LINEARIDADE EM DOIS SISTEMAS CROMATOGRÁFICOS UTILIZANDO FASE REVERSA PARA ANÁLISE DO FLAVONÓIDE VICENINA-2. 2009. (Encontro).

XXV Semana da Química e II Jornada de Pós-Graduaçao em Química.Importância da validação demonstrada pela influência da sensibilidade na linearidade empregando-se 2 sistemas cromatográficos distintos na determinação do flavonóide vicenina-2. 2009. (Outra).

XXIV Semana da Química e I Jornada de Pós-Graduaçao em Química.Validação e Otimização de Metodologia em Análise de Carboidratos em Cromatografia Líquida de Alta Eficiência em Amostras de Café Solúvel.. 2008. (Outra).

.Plantas Medicinais: Mitos e Verdade. 2006. (Oficina).

.II Workshop Paranaense de Pós-Graduação em Química - Cooperação Interinstitucional dos Programas de PG-Química, UEL, UEM, UEPG, UFPR e Unicentro. 2006. (Outra).

.XX Semana da Química. 2004. (Outra).

X Colacro. 10o Congresso Latino Americano de Cromatografia e Técnicas Afins. 2004. (Congresso).

.XIV Semana da Química. 1997. (Outra).

XIV Semana da Química.XIV Semana da Química. 1997. (Outra).

.XII Semana de Química e VI Jornada de Bioquímica. 1995. (Outra).

.XI Semana de Química e V Jornada de Bioquímica. 1995. (Outra).

XI Semana de Química e V Jornada de Bioquímica.XI Semana de Química e V Jornada de Bioquímica. 1995. (Outra).

.X Semana de Química e IV Jornada de Bioquímica. 1993. (Outra).

.VII Semana de Química e I Jornada de Bioquímica. 1990. (Outra).

.VI Semana de Química. 1989. (Outra).

V Semana da Química.V Semana de Química. 1988. (Outra).

III Semana de Química.III Semana de Química. 1986. (Outra).

.II Semana de Química. 1985. (Outra).

I Semana de Química Industrial.I Semana de Química Industrial. 1984. (Outra).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

Aluno: Letícia Alana Bertoldo

YABE, M.J.S.; PLETSCH, A. L.;NIXDORF, S. L.. Avaliação de risco ambiental na bacia do Rio Doce pós rompimento da barragem de resíduo da mineração. Mariana-MG. 2019. Dissertação (Mestrado em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: André de Andrade Aires Ferreira Lima

YABE, M.J.S.; BISINOTI, M. C.;NIXDORF, S. L.. Transporte de pesticidas organoestânicos: azociclotina e cihexatina no ambiente. 2018. Dissertação (Mestrado em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Agerdânio Andrade de Souza

NIXDORF, S. L.DINIZ, AndréaARAKAWA, N. S.. BIOMONITORAMENTO DA ATIVIDADE LEISHMANICIDA E IMUNOMODULADORA DE EXTRATOS DE FOLHAS DA TRATTINNICKIA RHOIFOLIA WILLD RELACIONADAS À COMPOSIÇÃO QUÍMICA DETERMINADA POR GC E LC-MS/MS. 2017. Dissertação (Mestrado em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Natalia Gonzaga

BELOTI, V.; FAGNANI, R.;NIXDORF, S. L.. Desenvolvimento e validação de métodos para detecção de formaldeído, lactose e lactulose. 2017. Dissertação (Mestrado em Ciência Animal) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Renan Mendes Ruiz

CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti daKURODA, Emília KiyomiNIXDORF, S. L.. Desenvolvimento, otimização e validação do método SPADNS para a determinação de fluoreto em águas por análise de imagem digital. 2017. Dissertação (Mestrado em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Tuany Yuri Kuboyama Nogueira

LAGO VANZELA, E. S.; JANZANTTI, N. S.;NIXDORF, S. L.. Vinho tinto de BRS Violeta jovem e envelhecido com carvalho granulado de duas origens: evolução dos compostos fenólicos. 2017. Dissertação (Mestrado em Engenharia e Ciência de Alimentos) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Laís Akina Nagao

YABE, M.J.S.; TOREZAN, J. M. D.;NIXDORF, S. L.. Razão Isotópica de Pb em solo e planta ( Trema Micrantha) para simular o rastreamento de droga ilícita. 2017. Dissertação (Mestrado em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: LETÍCIA APARECIDA MARQUES

NIXDORF, S. L.BARBOSA, D. S.; ZERAIK, M.L.. Desenvolvimento, otimização e validação de método para extração de fluoxetina em plasma com microbarra de agitação por HPLC-FD. 2016. Dissertação (Mestrado em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Lycio Shinji Watanabe

NIXDORF, S. L.CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti daBELOTI, V.. DESENVOLVIMENTO E VALIDAÇÃO INSTRUMENTAL E METODOLÓGICO PARA DETERMINAÇÃO DE FORMOL EM LEITE EMPREGANDO UV-VIS, HPLC E IMAGENS DIGITAIS POR SCANNER. 2016. Dissertação (Mestrado em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Yuri Renan Bovolenta

NIXDORF, S. L.BENASSI, Marta de Toledo; BORDIGNON LUIZ, M. T.. UVA ?ISABEL?: PERFIL FENOLICO DE CASCAS E SEMENTES E, INFLUÊNCIA SOB A CAPACIDADE ANTIOXIDANTE E COR DO SUCO APÓS APLICAÇÃO DO ÁCIDO ABSÍSICO. 2015. Dissertação (Mestrado em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Diego Sorge de Angeli

ANDREI, I. C. M.;Nixdorf, Suzana Lucy; UENO, C. T.. Alternativas de uso da borra de café através da hidrólise ácida, enzimática, ou como substrato para a produção das enzimas lacase e celulase. 2015. Dissertação (Mestrado em Pós-Graduaçao em Tecnologia de Alimentos PPGTAL) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná - Câmpus Londrina.

Aluno: Ulisses Colonhese

SAKANAKA, L. S.;NIXDORF, S. L.; ANDREI, I. C. M.. Caracterização da fração de óleo de café extraído de grãos sadio, verdes e preto-verdes, e a influência destes na sensorial de café liofilizado. 2015. Dissertação (Mestrado em Pós-Graduaçao em Tecnologia de Alimentos PPGTAL) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná - Câmpus Londrina.

Aluno: Estefano Nakamura

UEDA, A. C.; OLIVEIRA, E. F.;NIXDORF, S. L.. AVALIAÇÃO DAS CONCENTRAÇÕES DE PESTICIDAS ORGANOCLORADOS EM ÁGUAS SUPERFICIAIS PELA OTIMIZAÇÃO DA TÉCNICA USAEME. 2015. Dissertação (Mestrado em Engenharia Ambiental) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná.

Aluno: Mariana Bortholazzi Almeida

NIXDORF, S. L.WATANABE, M. A. E.YABE, M.J.S.. USO DO BIOMARCADOR MALONDIALDEÍDO EM ANÁLISES DE ESTRESSE OXIDATIVO EM DIVERSOS MODELOS EXPERIMENTAIS. 2014. Dissertação (Mestrado em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Tiago Bervelieri Madeira

NIXDORF, S. L.; FRANCA, A. S.;YABE, M.J.S.. Perfil e valores de referência de carboidratos de cafés premiados pela boa qualidade. 2014. Dissertação (Mestrado em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Vinicius Ricardo Acquaro Junior

NIXDORF, S. L.DINIZ, AndréaCAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da. DESENVOLVIMENTO DE MÉTODOS ANALÍTICOS LIMPOS PARA CONTROLE DO ANTIRRETROVIRAL TENOFOVIR (GENÉRICO) EMPREGADO NO TRATAMENTO DE AIDS E HEPATITE. 2014. Dissertação (Mestrado em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Leonel Vinícius Constantino

NIXDORF, S. L.YABE, M.J.S.BENASSI, Marta de Toledo. Desenvolvimento e Validaçao de método cromatográfico para análise de açúcares livres em café verde. 2013. Dissertação (Mestrado em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Alexandre Lindolfo Modesto

NIXDORF, S. L.DINIZ, Andréa; PEIXE, T. S.. ANÁLISE CRÍTICA SEGUNDO REQUISITOS DE VALIDAÇÃO DE MÉTODO PARA A DETECÇÃO E QUANTIFICAÇÃO DE FUMONISINAS B1 E B2 EM MILHO POR HPLC. 2013. Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional em Toxicologia Aplicada à Vi) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: erieldes sousa silva

NIXDORF, S. L.DINIZ, Andréa; NAVARRO, I. T.. DESENVOLVIMENTO DE MÉTODO PARA DETERMINAÇÃO DE TEOR DE FUMARATO DE TENOFOVIR DESOPROXILA EM MATÉRIA-PRIMA E COMPRIMIDO EMPREGANDO HPLC. 2013. Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional em Toxicologia Aplicada à Vi) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Natália Ferrarezi Pagiatto

PEREIRA, L. F. P.; SCHOLZ, Maria Brígida dos Santos;NIXDORF, S. L.. Análise de diterpenos e cafeína em uma coleçao da Etiópia de Coffea Arabica. 2013. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós_Graduaçao em Biotecnologia) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Angélica Tieme Ishikawa

HIROOKA, Elisa Yoko; OLIVEIRA, I. S.;NIXDORF, S. L.. HIBRIDOMA OTA.1: ANTICORPO ANTI-OTA NO DESENVOLVIMENTO DA COLUNA DE IMUNOAFINIDADE E APLICAÇÃO ASSOCIADA À QUALIDADE E SEGURANÇA DE VINHO. 2012. Dissertação (Mestrado em Ciências de Alimentos) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Jaqueline Tobias de Moraes

NIXDORF, S. L.SOUZA, N. E.DINIZ, Andréa. Determinação de valores de referência com intervalos quantitativos para ensaios físico-químicos e perfil químico por CLAE-DAD para controle de qualidade da Cavalinha (Equisetum giganteum L.). 2011. Dissertação (Mestrado em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Diego Soares Domingues

NIXDORF, S. L.; SCHOLZ, Maria Brígida dos Santos; SILVA, R. S. S. F.. Detecção de Adulterantes em Café Arabica por Sistemas de Cromatografia Líquida. 2011. Dissertação (Mestrado em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Edmar Fernando de Oliveira

NIXDORF, S. L.HIROOKA, Elisa YokoYABE, M.J.S.. Avaliação da capacidade antioxidante (DPPH) e determinação de resveratrol (HPLC-PDA) e acidez em vinhos da região sul do Brasil. 2011. Dissertação (Mestrado em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Sandy Cristina Riegel

FARIAS, T. J.; BRANDAO, M. G. L.;NIXDORF, S. L.. Constituíntes químicos e atividades antioxidantes, bacteriostáticas e anti-helmínticas de Inga marginata Willd. 2011. Dissertação (Mestrado em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Elis Daiane Pauli

Nixdorf, Suzana L.SOUZA, N. E.; BARIN, Juliano Smanioto. Desenvolvimento de metodologia para determinação de adulterantes em café empregando HPAEC-PAD e quimiometria. 2010. Dissertação (Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Valderi Cristiano

Nixdorf, Suzana L.; FARAH, Adriana;HIROOKA, Elisa Yoko. Validação analítica e determinação de Ocratoxina A em qualidades de bebidas de café correlacionando defeitos, carboidratos e microbiota fúngica. 2010. Dissertação (Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Romilaine Mansano Nicolau de Souza

BENASSI, Marta de Toledo; SCHOLZ, Maria Brígida dos Santos;NIXDORF, S. L.. Caracterização e discriminação de cafés torrados e moídos comerciais pela composição de substâncias bioativas. 2009. Dissertação (Mestrado em Programa de Mestrado e Doutorado em Ciência de Alimentos) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: PATRÍCIA CAVANI MARTINS DE MELLO

NIXDORF, S. L.; LOBO, I.; OLIVEIRA, André Luiz Martinez de. Degradação do Diuron em solo bioamentado com microorganismos rizocericos da cana de açúcar. 2008. Dissertação (Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Ricardo Marcelo reche Ribeiro

HIROOKA, Elisa Yoko; VALENTE, Lúcia;NIXDORF, S. L.. Produção/purificação de Ocratoxina visando o controle de qualidade na cadeia produtiva de alimentos. 2005. Dissertação (Mestrado em Ciências de Alimentos) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Michelly Cristiane Paludo

GODOY, H. T.; OLIVEIRA, S. B. P.;NIXDORF, S. L.; PRADO, M. A.; ALENCAR, S. M.. Jabuticabas brasileiras: Caracterização fenólica, capacidade de desativação de espécies reativas de oxigênio e nitrogênio e potencial antiproliferativo sob células tumorais de próstata e mama. 2018. Tese (Doutorado em Engenharia de Alimentos) - Universidade Estadual de Campinas.

Aluno: Hagata Cremasco da Silva

BORSATO, D.; VIANA, A. G.; BONA, E.; KILLNER, M. H. M.;NIXDORF, S. L.. Influencia do coeficiente de filme durante a difusão multicomponente de KCl e NaCl em biossólido para sistema estático e agitado utilizando simulação computacional 3D. 2018. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Química Doutorado) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Veronica Aline Belchior Silva

FRANCA, A. S.; BINATTI, J.O.A.; ALMEIDA, L. P. A.;NIXDORF, S. L.; BIRCHAL, V. S.. Avaliação de métodos espectroscópicos e cromatográficos para classificação de cafés especiais. 2018. Tese (Doutorado em Ciências Farmacêuticas) - Universidade Federal de Minas Gerais.

Aluno: Ronan Carlos Colombo

ROBERTO, Sérgio Ruffo; YAMASHITA, F.; FONSECA, I. C. B.; GONÇALVES, L. S. A.;NIXDORF, S. L.. Comportamento produtivo e caracterização fenólica da uva 'BRS Vitória' sob diferentes densidades de cachos e estádios de maturação. 2018. Tese (Doutorado em Pós-Graduação em Agronomia) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Natara Duane Borges de Castilhos

SILVA, B. J. G.; NASSUR, M. E. Q.; PERALTA-ZAMORA, P. G.; OLIVEIRA, A. P.;NIXDORF, S. L.. Avaliação de uma nova fase extratora baseada em hidrogel de alginato e zeína para determinação cromatográfica de contaminantes emergentes em matrizes aquosas. 2018. Tese (Doutorado em Programa de Pós-graduação em Química da Universidade Federal do Paraná) - Universidade Federal do Paraná.

Aluno: Iasnaia Maria de Carvalho Tavares

SILVA, R.; TELIS, V. R. N.; JANZANTTI, N. S.;NIXDORF, S. L.; DINI, C. M.. Uva BRS Violeta (BRS Rúbea x IAC 1398-21) e Jambolão (Syzygium cumini (L.)): estudo de alterações químicas e bioquímicas na produção de suco desidratado pelo processo de secagem em leito de espuma. 2017. Tese (Doutorado em Engenharia e Ciência de Alimentos) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Aluno: Nádia Reis

FRANCA, A. S.; BOTELHO, B. G.; PIMENTA, L. P. S.; FERREIRA, S. V. C. S.;NIXDORF, S. L.; BIRCHAL, V. S.. AVALIAÇÃO DE ADULTERAÇÃO EM CAFÉ TORRADO E MOÍDO POR ESPECTROSCOPIA NO INFRAVERMELHO MÉDIO E RESSONÂNCIA MAGNÉTICA NUCLEAR. 2016. Tese (Doutorado em Curso de Doutorado em Ciências Farmacêuticas) - Universidade Federal de Minas Gerais.

Aluno: Diego Soares Domingues

NASSUR, M. E. Q.;Nixdorf, Suzana Lucy; FIGUEIREDO, E. C.; OLIVEIRA, A. R. M.; MORAES, L. A. B.. Desenvolvimento de métodos por cromatografia líquida acoplada à espectrometria de massas em tandem para análises de fármacos (LC-MS/MS no modo column switching com capilar monolítico de sílica híbrida), aminoácidos e neurotransmissores (HILIC-MS/MS) em amostras de plasma de pacientes esquizofrênicos. 2015. Tese (Doutorado em Pós-Graduação em Química) - Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto da Universidade.

Aluno: Felipe Nascimento Andrade

LANÇAS, Fernando MauroNIXDORF, S. L.; ZANELLA, R.; ROCHA, E. C.; BOTTOLI, C. B. G.. Síntese e emprego de polímeros molecularmente impressos em técnicas miniaturizadas acopladas a cromatografia líquida para análises de triazinas e sulfoniluréias em amostras de milho. 2015. Tese (Doutorado em Química (Química Analítica)) - Universidade de São Paulo.

Aluno: Lilikan Yukari Yamamoto

ASSIS, A. M.; SATO, A. J.; NEVES, C. S. V. J.;NIXDORF, S. L.. Composicao fenolica das bagas e do suco integral de uva Isabel tratada com acido Abscicico em diferentes fases de maturacao. 2014. Tese (Doutorado em Pós-Graduação em Agronomia) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Carlos Eduardo Domingues Nazário

LANÇAS, Fernando Mauro; CARRILHO, E.; TITATO, G. M.; FIGUEIREDO, E. C.;NIXDORF, S. L.. Desenvolvimento e caracterização de materiais baseados em sílica com aplicabilidade em extração em fase sólida e cromatografia líquida de ultra alta eficiência. 2013. Tese (Doutorado em Doutorado em Química) - Instituto de Química de São Carlos.

Aluno: Valquíria de Moraes Silva

OLIVEIRA, C. C.; GARCIA, E. E.;SOUZA, N. E.; BISINOTI, M. C.;NIXDORF, S. L.. Desenvolvimento de métodos limpos para extraçao e determinaçao de Triclosan e Etikhexilmetoxixinamato. 2013. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Química) - Universidade Estadual de Maringá.

Aluno: Edmilson Antonio Canesin

SOUZA, N. E.; OLIVEIRA, C. C.; VISENTAINER, J. V.;TARLEY, C. R. T.NIXDORF, S. L.. Quantificaçao de ácidos graxos em óleos e gorduras residuais animais e utilizaçao para obtençao de biodiesel etilico por catálise ácida. 2013. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Química) - Universidade Estadual de Maringá.

Aluno: Viviane Marcela Celant

MOREIRA, G. C.;NIXDORF, S. L.; STANGARLIN, J. R.; VILLA, F.. Caracteristicas bioativas e respostas fisiológicas de amoras-pretas durante maturaçao e armazenamento. 2013. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Agronomia) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Aluno: Alessandra Maffei Monteiro

LANÇAS, Fernando MauroMAZO, Luiz HenriqueNIXDORF, S. L.; OLIVEIRA, R. V.; SIMIONATO, A. V. C.. Cromatografia líquida capilar: desenvolvimento de colunas empacotadas e monolíticas, celas de detecçao UV-Vis e aplicaçao da programaçao de temperatura. 2010. Tese (Doutorado em Doutorado em Ciências) - Instituto de Química de São Carlos.

Aluno: Rafael Carlos Eloy Dias

BENASSI, Marta de Toledo; FARAH, Adriana; BRAGAGNOLO, Neura; VIEGAS, Marcelo Caldeira;NIXDORF, S. L.. Diterpenos em café: desenvolvimento de metodologia para análise de cafes torrados, diversidade de tecidos, frutos frescos e estudos da estabilidade com o processo de torra. 2009. Tese (Doutorado em Ciência de Alimentos) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Claudia Flavia Breda Coutinho

NIXDORF, S. L.MAZO, Luiz Henrique; VAZ, Carlos Manoel Pedro; SOUZA, Djenaine de; RATH, Susanne. Desenvolvimento de metodologia eletroanalítica para a determinação do herbicida glifosato. 2008. Tese (Doutorado em Doutorado em Química) - Instituto de Química de São Carlos.

Aluno: Tatiana Emiko Ueda

VENTURA, M. U.; FALLEIROS, A. M. F.;NIXDORF, S. L.. Assimiliação de compostos secundários em adultos de lepidópteros para a identificação do hospedeiro na fase larval. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós Graduação em Agronomia) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Mariana Bortholazzi Almeida

NIXDORF, S. L.; PILAU, E. J.;YABE, M.J.S.. CARACTERIZAÇÃO FÍSICO-QUÍMICA, QUÍMICA E TOXICOLÓGICA DE ÁGUAS CONTAMINADAS POR PESTICIDAS. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós-Graduação em Química Doutorado) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Tiago Bervelieri Madeira

NIXDORF, S. L.; BONA, E.; SANTANA, Henrique de. METODOS PARA AVALIA;'AO DA QUALIDADE DO CAFE TORRADO E MOIDO EMPREGANDO ESPECTROSCOPIA NIR, UHPLC-MSMS, SENSORIAL E QUIMIOMETRIA. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós-Graduação em Química Doutorado) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Angelita Aparecida Ribeiro da silva

YABE, M.J.S.; SEGATELLI, M. G.;Nixdorf, Suzana Lucy. Difusão de Poluentes Inorgânicos Emergentes Aplicando Argilominerais. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós-Graduação em Química Doutorado) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Ana Lúcia de Souza Madureira Felício

NIXDORF, S. L.BARBIN, D. F.. Otimizaçao e Validaçao de Metodologia de Análise de Desoxinivalenol (DON) para amostras de trigo por HPLC/PAD. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Mestrado e Doutorado em Ciência de Alimentos) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Cíntia Sorane Good Kitzberger

NIXDORF, S. L.; VIGNOLI, Josiane Alessandra. Influência da Diversidade Genética na Bioatividade de Cafés Arábica Produzidos nas mesmas condiçoes Edafoclimáticas. 2011.

Aluno: Juliana Navarro Rocha

SOUZA, José Roberto Pinto deNIXDORF, S. L.; TAKAHASHI, L. S. A.. Ação do sombreamento e poda no desenvolvimento e conteúdo de taninos das plantas de espinheira-santa. 2008. Exame de qualificação (Doutorando em Agronomia) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Suelen Pereira Magalhães

ZERAIK, M.L.; SOLCI, Maria Cristina;NIXDORF, S. L.. Estudo dos compostos voláteis de flores de soja (Glycine max L. Merrill) por microextração em fase sólida combinada à cromatografia gasosa acoplada à espectrometria de massas (SPME-GC-MS). 2019. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: André de Andrade Aires Ferreira Lima

YABE, M.J.S.; REIS, C. E. S.;NIXDORF, S. L.. Transporte de pesticidas organoestânicos: azociclotina e cihexatina no ambiente. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Giselle Lopes Silva

ZERAIK, M.L.;ARAKAWA, N. S.NIXDORF, S. L.. Estudo fitoquímico dos frutos de Psidium cattleianum em busca por substâncias bioativas. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Natalia Gonzaga

BELOTI, V.; FAGNANI, R.;NIXDORF, S. L.. Padronização de metodologias para a detecção de substâncias exógenas ao leite.. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Ciência Animal) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Mirelli Bianchin

NIXDORF, S. L.; VIGNOLI, Josiane Alessandra. METODOLOGIA PARA EXTRAÇÃO DE DITERPENOS EM CAFÉ TORRADO EMPREGANDO ULTRASSOM E MICRO-ONDAS. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Mestrado e Doutorado em Ciência de Alimentos) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Marcelo Zuchi Sanches

NIXDORF, S. L.; VIGNOLI, Josiane Alessandra. Avaliação das características fisico-químicas de óleo de café torrado (Coffea arabica) durante armazenamento. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Tecnologia de Alimentos) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná.

Aluno: Laís Akina Nagao

YABE, M.J.S.ARAKAWA, N. S.NIXDORF, S. L.. Razão Isitópica de PB em solo e planta (Trema micrantha)para simular o rastreamento de drogas ilícitas. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Renan Mendes Ruiz

CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti daTARLEY, C. R. T.NIXDORF, S. L.. Otimizacao e validacao do metodo SPADNS para determinacao de fluoreto em aguas por analise de imagem digital. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Yuri Renan Bovolenta

NIXDORF, S. L.CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti daBENASSI, Marta de Toledo. Caracterização Dos Compostos Fenólicos De Uvas Híbridas Da Cultivar Isabel. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Fernanda Jéssica Mendonça

BENASSI, Marta de ToledoNixdorf, Suzana L.. Metodologias para Determinacao de Vitamina E e de Oxidacao Lipidica em Carnes por Cromatografia Liquida de Alta Eficiencia. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Mestrado e Doutorado em Ciência de Alimentos) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Ulisses Colonheze

Suzana Lucy Nixdorf; ANDREI, I. C. M.. Estudo da viabilidade da produção de óleo de café a partir de grãos tidos como verde-pretos e verdes. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Pós-Graduaçao em Tecnologia de Alimentos PPGTAL) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná - Câmpus Londrina.

Aluno: Lycio Shinji Watanabe

NIXDORF, S. L.; OLIVEIRA, C. C.;CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da. Multi-detecção de formol em leite empregando imagens digitais por scanner 18 comparado a métodos oficiais utilizando espectrofotometria e cromatografia. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Agerdânio Andrade de Souza

NIXDORF, S. L.ARAKAWA, N. S.; PAVANELLI, W. R.. Avaliação da atividade leishmanicida e imunomoduladora com caracterização fitoquímica de extratos de folhas da Trattinnickia rhoifolia Willd. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: LETÍCIA APARECIDA MARQUES

NIXDORF, S. L.; ZERAIK, M.L.; VERRI JR, W. A.. Desenvolvimento, otimização e validação de método para determinação de fluoxetina em plasma por extração sortiva com microbarra de agitação (mSBSE) hifenada a cromatografia líquida de alta eficiência acoplada a detecção por fluorescência (HPLC-FD). 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Diego Sorge de Angeli

NIXDORF, S. L.; UENO, C. T.. Estudos do reaproveitamento da Borra de café como matéria-prima para a geração de carboidratos, utilizando de hidrólises ácidas e enzimáticas, e como meio de cultura para a produção de enzima. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Pós-graduação Profissional Tecnologia de Alimento) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná.

Aluno: Vanessa Câmara Simioli

BENASSI, Marta de ToledoNIXDORF, S. L.. Determinaçao da vida útil do café solúvel em embalagem de polipropileno. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Pós-Graduaçao em Tecnologia de Alimentos PPGTAL) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná - Câmpus Londrina.

Aluno: Felipe Augusto Gorla

TARLEY, C. R. T.; CAMARA, Carlos Alberto Paulineti da;NIXDORF, S. L.. Desenvolvimento de metodo voltametrico para determinacao simultanea de compostos fenolicos utilizando sensor de pasta de nanotubos de carbono na presenca de um surfactante cationico. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Rodolfo Campo Zanin

VIGNOLI, Josiane Alessandra;NIXDORF, S. L.. Caracterizaçao do Perfil de diterpenos e cafeína em cafés torrados brasileiros. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Mestrado e Doutorado em Ciência de Alimentos) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Mariana Bortholazzi Almeida

NIXDORF, S. L.; SIMAO, A. N. C.;ARAKAWA, N. S.. Uso do biomarcador malondialdeído em análises de estresse oxidativo em diversos modelos experimentais. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Juliana Resges Orives

BORSATO, D.;TARLEY, C. R. T.NIXDORF, S. L.. Obtençao de biodiesel à partir de óleo vegetal e gordura animal: otimizaçao multirresposta através do delineamento de misturas simplex-centroide. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Tiago Bervelieri Madeira

NIXDORF, S. L.; BORSATO, D.;YABE, M.J.S.. ESTUDO DA CARACTERIZAÇÃO QUÍMICA DE CAFÉS PREMIADOS PELA BOA QUALIDADE. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Vinicius Ricardo Acquaro Junior

NIXDORF, S. L.CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da; FARIAS, T. J.. DESENVOLVIMENTO DE TESTE DE DISSOLUÇÃO DE COMPRIMIDOS CONTENDO TENOFOVIR. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Eduardo Henrique Duarte

TARLEY, C. R. T.; BRAZ, E. J. R. S.;NIXDORF, S. L.. Desenvolvimento de sensor eletroquímico baseado em pasta de nanotubo de carbono para determinaçao simultânea de N-Acetil-P-Aminofenol e Ácido Ascórbico na presença de surfactante catiiônico. 2012. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Leonel Vinícius Constantino

NIXDORF, S. L.; VIGNOLI, Josiane Alessandra;YABE, M.J.S.. Validaçao de metodologia para extraçao de açúcares em café verde utilizando cromatografia líquida de alta performance com detecçao por índice de refraçao (HPLC-RID). 2012. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: erieldes sousa silva

NIXDORF, S. L.DINIZ, Andréa; NAVARRO, I. T.. Desenvolvimento de método para determinação de teor de fumarato de tenofovir desoproxila em matéria prima e comprimido empregando HPLC. 2012. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado Profissional em Toxicologia Aplicada à Vi) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Edmar Fernando de Oliveira

NIXDORF, S. L.BARBOSA, D. S.ROBERTO, Sérgio Ruffo. AVALIAÇÃO DA CAPACIDADE ANTIOXIDANTE (DPPH) E DETERMINAÇÃO DE RESVERATROL (HPLC-PAD) E ACIDEZ EM VINHOS DA REGIÃO SUL DO BRASIL. 2011. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Sandy Cristina Rieger

FARIAS, T. J.;NIXDORF, S. L.; DANIEL, J. F. de. Estudo químico de Inga marginata Willd monitorado por ensaios de atividade biológica. 2011. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Jaqueline Tobias de Moraes

NIXDORF, S. L.DINIZ, Andréa; LOPES, G. C.. Avaliação química e controle de qualidade da Cavalinha (Equisetum giganteum). 2010. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Rosana Serpa

Furlaneto, M. C.; MAIA-FURLANETO, L.;NIXDORF, S. L.. Avaliação da ação de flavonóides na susceptibilidade e sinergismo em Cepas de Candida albicans. 2010. Exame de qualificação (Mestrando em PROGRAMA DE POS-GRADUAÇÃO EM MICROBIOLOGIA) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Érica Cristine da Silva

ALVES, João CarlosNIXDORF, S. L.CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da. Determinação de algumas espécies químicas em águas naturais na região norte do Paraná e suas relações com a saúde humana.. 2004. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Giovana da Silva Ramos

NIXDORF, S. L.; CAMPO, C. B. H.;ARAKAWA, N. S.. Ocorrência de flavonóides em flores de cultivares de soja com diferente coloração de pétalas. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Bruno Seiki Domingos Onishi

YABE, M.J.S.; REIS, C. E. S.;NIXDORF, S. L.. Transporte de pesticida organoestanico: Azociclotina no ambiente. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Caroline Teixeira Lopes

NIXDORF, S. L.MONTEIRO, Alessandra Maffei; SOBOTTKA, R.P.. DETERMINAÇÃO DE OCRATOXINA A EM SUCOS DE UVA POR CROMATOGRAFIA LÍQUIDA EMPREGANDO EXTRAÇÃO SUPRAMOLECULAR. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Mayara Portieri Alves da Silva

NIXDORF, S. L.MONTEIRO, Alessandra Maffei; FAGNANI, R.. PROPOSTA DE ANÁLISE DE CARBOIDRATOS PARA DETERMINAÇÃO INDIRETA DE LACTOSE EM LEITES UHT E AVALIAÇÃO DA HIDRÓLISE ENZIMÁTICA POR ENZIMAS COMERCIAS E INDUSTRIAIS POR GLICOSÍMETRO. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Suelen Pereira Magalhães

NIXDORF, S. L.; CAMPO, C. B. H.; AMADOR, I. R.. AVALIAÇÃO DE MÉTODO PARA COLETA DE COMPOSTOS ORGÂNICOS VOLÁTEIS EM FLORES DE SOJA E GIRASSOL. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Barbara Lunardelli Kroetz

YABE, M.J.S.NIXDORF, S. L.; SILVA, H. C.. CINÉTICA DE DESSORÇÃO DE Cu, Cr E As PRESENTES EM MADEIRA TRATADA COM ARSENIATO DE COBRE CROMATADO (CCA). 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Tamara Maciel Machado

SPINOSA, W. A.;NIXDORF, S. L.; TERHAAG, M. M.. CARACTERIZAÇÃO FÍSICO-QUÍMICA, ATIVIDADE ANTIOXIDANTE E COMPOSTOS FENÓLICOS EM RIZOMAS DE GENGIBRE (ZINGIBER OFFICINALE) ORGÂNICO E CONVENCIONAL. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Hugo Antonio da Silva Serra

CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti daNIXDORF, S. L.KURODA, Emília Kiyomi. Desenvolvimento de uma mini estação de tratamento de água automatizada para fins didáticos.. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Leonel Vinícius Constantino

GONÇALVES, L. S. A.;NIXDORF, S. L.; PENA, M. I. B.. Metabolitos secundários relacionados com a resistência e suscetibilidade a antracnose em genótipo de pimenta e pimentão (Capsicum annuum var. annuum). 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Thais Tiemi Nakahara

NIXDORF, S. L.MONTEIRO, Alessandra Maffei; MELO, M. F. R.. Validação de método de extração de fluoxetina em plasma por mSBSE com quantificação por HPLC-FD. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Giselle Lopes Silva

NIXDORF, S. L.MONTEIRO, Alessandra Maffei; YAJIMA, E. M.. DESENVOLVIMENTO DE MÉTODO CROMATOGRÁFICO PARA ANÁLISE DE TEORES DE CAFEÍNA E TRIGONELINA DE CAFÉS TORRADO E MOÍDO COMERCIAIS. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Maria de Almeida Silva

NIXDORF, S. L.; COLONHESE, U.;MONTEIRO, Alessandra Maffei. CARACTERIZAÇÃO CROMATOGRÁFICA DE CAFÉS TORRADO E MOÍDO COMERCIAIS POR ANÁLISE DE CARBOIDRATOS TOTAIS. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Denise Caroline de Souza

NIXDORF, S. L.MADEIRA, T. B.CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da. Determinação de formol em leite por imagens digitais empregando scanner. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Gustavo Trevisan de Aquino e Saglietti

VARÉA, G. S.; GASPARIN, F. G. M.;NIXDORF, S. L.. Imobilização de lipases produzidas pelo fungo Beauveria bassiana. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Uenifer Rodrigues Couto

IDA, Elza Iouko; MACEDO JR., F.C.;NIXDORF, S. L.. Aplicação da beta-glicosidase de Monascus purpureus em farinha de soja desengordurada para conversão de isoflavonas glicosiladas em agliconas. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Tamires Scupinari

CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti daALVES, João CarlosNIXDORF, S. L.. DESENVOLVIMENTO DE UM SISTEMA FIA PARA ANÁLISE DE VANÁDIO EM ÁGUAS NATURAIS. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Eloise C

YABE, M.J.S.CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti daSuzana Lucy Nixdorf. Andrean.DETERMINAÇÃO DE ELEMENTOS-TRAÇO NO LAGO IGAPÓ. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Fernanda Jéssica Mendonça

RUSSO, A. L. S.;NIXDORF, S. L.; PRUDÊNCIO, Sandra Helena. SUPLEMENTAÇÃO DE VITAMINA E NA RAÇÃO DE FRANGOS: AVALIAÇÃO DA OXIDAÇÃO LIPÍDICA E DA METODOLOGIA DE QUANTIFICAÇÃO DE ALFA-TOCOFEROL EM CARNES. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Letícia Thaís Chendynski

NIXDORF, S. L.CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti daCONSTANTINO, L. V.. DESENVOLVIMENTO DE METODOLOGIA CROMATOGRÁFICA APLICADA À DETERMINAÇÃO DE CARBOIDRATOS TOTAIS EM FARINHA DE TRIGO. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: LETÍCIA APARECIDA MARQUES

NIXDORF, S. L.HIROOKA, Elisa Yoko; PANIS, C.. DESENVOLVIMENTO E AVALIAÇÃO DE BARRA SORTIVA PARA FLUOXETINA EM PLASMA POR HPLC. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Aline Naomi Yamashita

BELÉIA, Adelaide Del Pino; GROSSMANN, Maria Victória Eiras;NIXDORF, S. L.. ATIVIDADE PROTEOLÍTICA DE TRIGO. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Renan Mendes Ruiz

CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da; BERTOZZI, J.;NIXDORF, S. L.. DETERMINAÇÃO DE POLIFENÓIS EM VINHOS PELO MÉTODO FOLIN CIOCALTEAU ATRAVÉS DO TRATAMENTO DE IMAGENS DIGITALIZADAS. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Alana Carvalho Machado

VARÉA, G. S.; RIBEIRO, M. L. L.;NIXDORF, S. L.. Indução e imobilização de lipases e proteases de Beauveria Bassiana CG 481 e CG 432. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Bárbara Sthéfani Caldas

NIXDORF, S. L.BENASSI, Marta de ToledoCAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da. COMPARAÇÃO ENTRE REFRATOMETRIA, ESPECTROFOTOMETRIA E CROMATOGRAFIA LÍQUIDA NA DETERMINAÇÃO DE AÇÚCARES TOTAIS EM SUCO INTEGRAL E NÉCTARES DE UVA. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Cyntia Helena Gomes Alves Silva

NIXDORF, S. L.BENASSI, Marta de ToledoCAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da. Métodos de extração de carboidratos solúveis do café verde por microondas e agitação orbital. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Aline Domingues Batista

KURODA, Emília KiyomiNIXDORF, S. L.; ALMEIDA, Flaveli Aparecida de Souza. Ensaios de ecotoxicidade em extratos de cianobactérias/ microcystis. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Marcos batista mendes

KURODA, Emília Kiyomi; ALMEIDA, Flaveli Aparecida de Souza;NIXDORF, S. L.. Aplicabilidade da adsorção de matéria orgânica de lixiviado de aterro sanitário em carvão ativado granular como pós-tratamento. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Bruna Fabrin Somera

TARLEY, C. R. T.CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti daNIXDORF, S. L.. Método analítico baseado na pré-concentração on-line de Pb2+ utilizando nanotubo de carbono funcionalizado com 3-mercaptopropiltrimetoxisilano. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Lincoln Kazuo Silva Yamashita

CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti daNIXDORF, S. L.; BERTOZZI, J.. Desenvolvimento de um sistema de injeção em fluxo aplicado à determinação espectrofotométrica de nitrato e nitrito em águas subterrâneas. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Ligia Manoel Martins

HIROOKA, Elisa YokoBENASSI, Marta de ToledoNIXDORF, S. L.. Avaliaçao de qualidade e segurança em vinho tinto (Argentino e Brasileiro) e em suco de uva integral. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Pamella Cristina Scheel

NIXDORF, S. L.WATANABE, M. A. E.RABITO, M. F.. MDA em portadores de leucemia. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Mariana Bortholazzi Almeida

BENASSI, Marta de ToledoNIXDORF, S. L.; ROSSET, Michele. Cafés Solúveis Regulares e Descafeínados: Compostos Bioativos e Atividade Antioxidante. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Tiago Bervelieri Madeira

IDA, Elza Iouko; BORSATO, D.;NIXDORF, S. L.. Isoflavonas, Compostos Fenólicos e Capacidade Antioxidante dos Componentes do Grão de Soja Germinado e Extração da Beta-Glicosidase dos Epicótilos de Soja Germinado. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Vinicius Ricardo Acquaro Junior

BELÉIA, Adelaide Del Pino;NIXDORF, S. L.; ROSSET, Michele. Teores de compostos fenólicos, de isoflavonas e capacidade antioxidante de sojas [Glycine max (L.) Merrill] convencionais e transgênicas. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Raphael Faglioni Pereira

RABITO, M. F.NIXDORF, S. L.FERREIRA, I. C. P.. Desenvolvimento e validaçao de metodologia analítica para a determinaçao de 11, 13-Deidrocompressanoleídeo em extratos de Tanacetum parthenium (L.) Schultz-Bip.. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Patrick Juliano Gomes Wietchorek

NIXDORF, S. L.BENASSI, Marta de ToledoHIROOKA, Elisa Yoko. RESVERATROL: VALIDAÇÃO DE METODOLOGIA E QUANTIFICAÇÃO EM VINHO DAS REGIÕES OESTE E SUDOESTE DO PARANÁ. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Fbricio Amaro Aguiar de Oliveira

PAVAN, M. A.;NIXDORF, S. L.; GIMENEZ, S.M.N.. Biofortificação de alimentos básicos para melhoria da saúde da população brasileira. Determinação do teor de proteína nos grãos de arroz, feijão, milho e trigo. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Jayme de Toledo Piza e Almeida Filho

NIXDORF, S. L.BENASSI, Marta de ToledoYABE, M.J.S.. Resveratrol, capacidade antioxidante, acidez e OTA em vinhos da região sul do Brasil. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Tarsis Santos Patini

BARRETO, W. J.; TAKASHIMA, Keiko;NIXDORF, S. L.. Estudos espectroscópicos UV-Vis. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Natália Ferrarezi Pagiatto

REZENDE, Maria Inês; OLIVEIRA, André Luiz Martinez de;NIXDORF, S. L.. Avaliação da diversidade de isolados obtidos de uvas da Região Norte do Paraná. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Estefano Nakamura

Nixdorf, Suzana L.SCARMÍNIO, Ieda SpacinoDINIZ, Andréa. Avaliação da influência no teor de carboidratos com adição de milho e trigo em café torrado e moído. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Felipe Moraes Fabio

NIXDORF, S. L.ALVES, João CarlosCAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da. Aplicação de radiação UV como fotorredutor de nitrato a nitrito e de um fotocolorímetro. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Gisele André Baptista Canuto

Nixdorf, Suzana L.; VIGNOLI, Josiane Alessandra;BENASSI, Marta de Toledo. Caracterização físico-química e da atividade antioxidante de polpas de frutas exóticas da região Amazônica. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Bruno Paris Manechini

SANTANA, Henrique de; ZAIA, Dimas Augusto Morozin;NIXDORF, S. L.. Aplicação da fotocatálise heterogênia sobre Ti/TiO2 na descoloração e mineralização de dois azocorantes utilizados na indústria do couro. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Rafael Henrique Sacco Disposti

CAMARA, Carlos Alberto Paulineti da;NIXDORF, S. L.; CESÁRIO, Jéferson Moriconi. Determinação de Alumínio em Análise por Injeção em Fluxo. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Tatiane Nogueira Benazi

OLIVEIRA, Moisés Alves de; CARVALHO, M.;NIXDORF, S. L.. Os jogos discursivos de reconhecimento e credibilidade produzindo uma cientista em um laboratório de pesquisa Universitário. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: João Rafael de Moraes Cini

LOBO, I.; REZENDE, Maria Inês;NIXDORF, S. L.. Otimização e validação de metodologia de extração e análise de pireno por CLAE em meio de cultivo para Biorremediação. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Elis Daiane Pauli

NIXDORF, S. L.CRISTIANO, V.; COLONHEZE, U.. Otimização e validação de metodologia para determinação de carboidratos em café solúvel com reação pós-coluna por CLAE/UV-Vis. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Jaqueline Tobias de Moraes

NIXDORF, S. L.; DELAROSA, Fernanda; PINTO, J. P.. Perfil Cromatográfico de Mikania glomerata. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Livia Maria Zambrozi Garcia

NIXDORF, S. L.CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti daSCARMÍNIO, Ieda Spacino. Avaliação Quimiométrica do Perfil de Adulterações de Café por Milho e Casca pela Determinação de Carboidratos empregando HPAE-PAD.. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Heberty Eduardo De Marco

HIROOKA, Elisa YokoNIXDORF, S. L.; REZENDE, Maria Inês. Avaliação da reutilização de minicolunas Sep Pak QMA da Waters para a pré-limpeza de amostras de milho na análise de fumonisinas.. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Elton da Silva Defendi

DALL'ANTONIA, Luiz Henrique;NIXDORF, S. L.ALVES, João Carlos. Caracterização de filmes finos. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Diego Sorge de Angeli

CAMARA, Carlos Alberto Paulineti da;NIXDORF, S. L.ALVES, João Carlos. Análise do perfil cromatográfico de carboidratos em amostras de café torrado e moído obtidos por HPLC-PAD. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: CAMILA RIBEIRO DE SOUZA

NIXDORF, S. L.; CAMARA, Carlos Alberto Paulineti da; OLIVEIRA, Moisés Alves de. Quantificação da Epigalo-Catequina-3-Galato e Cafeína de Chás Verdes Comerciais. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: VITOR DE MORAES ZAMARION

NIXDORF, S. L.; CAMARA, Carlos Alberto Paulineti da;SOUZA, José Roberto Pinto de. Determinação do agrotóxico Clorpirifós por cromatografia líquida de alta eficiência em alfaces comercializadas na cidade de Londrina. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Vanessa Pulita Cayres

NIXDORF, S. L.; BELÉIA, Adelaide Del Pino; GROSSMANN, Maria Victória Eiras. Amilose em amido de mandioca e em material lixiviado do amido em água. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Pedro Luís Tozoni Palma

CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti daNIXDORF, S. L.; PEREZ, Carlos Alberto Silva. Construção de um fotocolorímetro portátil para utilização em aulas práticas de química analítica. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Thiago Gracioso Peres da Silva

CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti daNIXDORF, S. L.ALVES, João Carlos. Desenvolvimento de um método de análise colorimétrica através do tratamento de imagens digitalizadas.. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Fernanda Delaroza

CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti daNIXDORF, S. L.ALVES, João Carlos. Sistema FIA para determinação de nitrato em águas naturais por método espectrofotométrico.. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Elaine Cristina Toffoli

BENASSI, Marta de ToledoNIXDORF, S. L.SCARMÍNIO, Ieda Spacino. Ácido Nicotínico, trigonelina, 5-ACQ e cafeína em café (Cofeea arabica e canephora): estabilidade à torra e descrição entre espécies.. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Demian Arantes Morenghi

SANTANA, Henrique de;NIXDORF, S. L.; ZAIA, Dimas Augusto Morozin. Estudo pelo método condutivimétrico da fotodegradação de corante sintético sobre vidro/TiO2 e vidro/TiO2-Ag.. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Rebeca Fabbro Cunha

ALVES, João CarlosCAMARA, Carlos Alberto Paulinetti daNIXDORF, S. L.. Determinação da capacidade de remoção de fluoreto utilizando materiais de baixo custo: Areia, pó de tijolo, solo e farinha de osso.. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Graziella Barbosa Pinto

NIXDORF, S. L.CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti daALVES, João Carlos. Estudo metodológico para determinação de carboidratos totais em café solúvel por HPAEC-PAD utilizando acoplamento de diferentes equipamentos comerciais.. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Alessandra Maffei Monteiro

NIXDORF, S. L.CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti daALVES, João Carlos. Estudo e a quantificação da cafeína em alimentos energéticos comerciais e seus efeitos no organismo.. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Elisangela Manjurma Deduch

NIXDORF, S. L.CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti daALVES, João Carlos. Determinação potenciométrica de fluoreto em águas da região de Londrina. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Ewaldo Gean Freitas Borges

NIXDORF, S. L.CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da; ANDRADE, Sueli Rodrigues Cabeleira de. Passo a Passo da metodologia empregando CLAE aplicada a fármacos. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Gisele Marques Salemi

NIXDORF, S. L.CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti daCRISTIANO, V.. Determinação de carboidratos em café solúvel utilizando HPAEC com sistema pulso amperométrico.. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Pyolla Nascimento Basso

NIXDORF, S. L.DINIZ, AndréaCAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da. Perfil cromatográfico de extratos aquosos e hidroalcoólicos de Bidens Pilosa (Picão Preto). 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Luiz Antonio Zanolli Filho

CAMARA, Carlos Alberto Paulineti da;NIXDORF, S. L.; CESÁRIO, Jéferson Moriconi. Determinação de cobre em aguardentes comercializadas na região de Londrina-PR.. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Ricardo Reche Ribeiro

NIXDORF, S. L.; ALMEIDA, Flaveli Aparecida de Souza. Comparação de cromatografia Líquida de alta eficiência, cromatografia em camada delgada e imunoensaio na deteção de ocratoxina A em café e derivados. 2003. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Lincoln Figueira Marins Coutinho

NIXDORF, S. L.CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da; SOLCI, Maria Cristina. Desenvolvimento de sistema instrumental para determinação de carboidratos em café solúvel utilizando HPAE-PAD. 2003. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Priscilla Lariane Lui

NIXDORF, S. L.CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti daALVES, João Carlos. Caracterização das espécies coffea arabica e canephora da coleção de germoplasma da fazenda escola da UEL quanto ao teor de cafeína por HPLC.. 2003. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Fabrize Caroline Nunes

PINOTTI, M. H.;NIXDORF, S. L.; FARIAS, T. J.. Extração e caracterização das Ficobiliproteínas da microalga Lyngbia sp.. 2003. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

Aluno: Annelize Ferreira Lopés

CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti daNIXDORF, S. L.ALVES, João Carlos. Desenvolvimento de um sistema de análise por injeção em fluxo para determinação espectrofotométrica de nitrato nem águas naturais. 2003. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina.

GONÇALVES, R. A. C.; PREVIDELLI, I. T. S.;NIXDORF, S. L.. Banca de Concurso para Promoção do Nível D da Classe de Professor Adjunto para o nível A da classe de Professor Associado TIDE- Portaria/DF no 001/2017. 2017. Universidade Estadual de Maringá.

BUENO, Eliana Aparecida Silicz;NIXDORF, S. L.; SANTIN FILHO, O.. Banca de Concurso para Promoção do Nível D da Classe de Professor Adjunto para o nível A da classe de Professor Associado TIDE- Portaria/DQ no 008/2013. 2013. Universidade Estadual de Londrina.

NIXDORF, S. L.; BRUNS, R. E.; JAFELICCI JR, M.. Concurso Público para Provimento no Cargo de Professor de Ensino Superior referente ao Edital no. 113/13 - PRORH. 2013. Universidade Estadual de Londrina.

HIOKA, Noboru; COSTA, William Ferreira da;NIXDORF, S. L.. Banca de Concurso para Promoção do Nível D da Classe de Professor Adjunto para o nível A da classe de Professor Associado TIDE- Portaria No. 022/2010. 2010. Universidade Estadual de Maringá.

NIXDORF, S. L.YABE, M.J.S.. PROCESSO SELETIVO PARA BOLSISTA TÉCNICO DE NÍVEL SUPERIOR PARA O LAPA. 2018. Universidade Estadual de Londrina.

REIS, C. E. S.;NIXDORF, S. L.; ANGILELLI, K. B.. Processo Seletivo de Monitoria Acadêmica. 2018. Universidade Estadual de Londrina.

NIXDORF, S. L.; OLIVEIRA, E. F.; MELETTI, P. C.. Banca de Avaliadores das Comunicações Orais de 16 SITEC. 2017. Colégio Interativa de Londrina.

YABE, M.J.S.NIXDORF, S. L.; CORRADINI, E.. Promoção inter-classe da categoria Professor Adjunto "D" para Professor Associado "A". 2016. Universidade Estadual de Londrina.

NIXDORF, S. L.SCARMÍNIO, Ieda Spacino; REIS, C. E. S.. Processo Seletivo de Monitoria Acadêmica. 2016. Universidade Estadual de Londrina.

NIXDORF, S. L.; FERNANDEZ, L.; MELLETI, S.. Avaliação de Projetos do Ensino Fundamental e Médio para Feira Pré-Sitec. 2016. Colégio Interativa de Londrina.

NIXDORF, S. L.; OLIVEIRA, T. F.. Banca Avaliadora da Comunicação Oral de Ciências Exatas do 15 SITEC - Simpósio Interativa de Tecnologia e Ciências. 2016. Colégio Interativa de Londrina.

SCARMÍNIO, Ieda SpacinoNixdorf, Suzana Lucy; ALFAYA, A. A.. Inter-nivel Professor Adjunto B para Adjunto C. 2015. Universidade Estadual de Londrina.

Nixdorf, Suzana Lucy; CARVALHO, G. M.; SEGATELLI, M. G.. Processo Seletivo Simplificado Fisico-Quimica. 2015. Universidade Estadual de Londrina.

DALL'ANTONIA, Luiz Henrique;NIXDORF, S. L.; ALMEIDA, l. C.. PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO (PSS) PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA DE PROFESSOR. 2015. Universidade Estadual de Londrina.

TAKASHIMA, Keiko; CARVALHO, G. M.;NIXDORF, S. L.. Processo Seletivo da Fisico-Quimica. 2014.

NIXDORF, S. L.; KAMIZAKE, N. K. K.; BROIETTI, F. C. D.. Processo de seleção atividade de Monitoria Acadêmica na UEL- PORTARIA/DQ 005/2013. 2013. Universidade Estadual de Londrina.

NIXDORF, S. L.YABE, M.J.S.. Processo de seleçao para Bolsista de Nível Superior do Programa de Apoio Técnico. 2013. Universidade Estadual de Londrina.

Suzana L. Nixdorf; OLIVEIRA, Rita de Cásia Rodrigues; SACOMORI, J.. Teste Seletivo Didático de Professores em Química para Curso Especial Pré-Vestibular da UEL. 2013. Universidade Estadual de Londrina.

NIXDORF, S. L.; ARAUJO, D.. Teste Seletivo Didático de Professores em Química para Curso Especial Pré-Vestibular da UEL- maio 2012. 2012. Universidade Estadual de Londrina.

PAOLIELLO, Monica Maria Bastos; NAVARRO, I. T.;NIXDORF, S. L.. SEMINÁRIOS DE TCC PARA O MESTRADO PROFISSIONAL EM TOXICOLOGIA APLICADA À VIGILÂNCIA SANITÁRIA TURMA 2011/1. 2012. Agência Nacional de Vigilância Sanitária.

TAKASHIMA, Keiko;NIXDORF, S. L.; CARVALHO, G. M.. Teste Seletivo para Professor Colaborador - Físico-Química - UEL- Edital DQ No 17/20127. 2012. Universidade Estadual de Londrina.

BELÉIA, Adelaide Del Pino; PRUDÊNCIO, Sandra Helena;NIXDORF, S. L.. Banca examinadora para Avaliação de Memorial Descritivo ascensão de Professor Associado B para C- OS no. 002/2011. 2011. Universidade Estadual de Londrina.

NIXDORF, S. L.ALVES, João Carlos; ALFAYA, Reni da Silva. Processo Seletivo de Monitoria Acadêmica na UEL- Portaria /DQ 003/2011. 2011. Universidade Estadual de Londrina.

NIXDORF, S. L.. Processo de seleção atividade de Monitoria Acadêmica na UEL- PORTARIA/DQ 004/2010. 2011. Universidade Estadual de Londrina.

NIXDORF, S. L.CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da; CESÁRIO, Jéferson Moriconi. Processo de seleção atividade de Monitoria Acadêmica na UEL- PORTARIA/DQ 006/2010. 2010. Universidade Estadual de Londrina.

NIXDORF, S. L.; OLIVEIRA, Rita de Cásia Rodrigues. Teste Seletivo Didático de Professores em Química para Curso Especial Pré-Vestibular da UEL- novembro 2010. 2010. Universidade Estadual de Londrina.

NIXDORF, S. L.. Processo de seleção atividade de Monitoria Acadêmica na UEL- PORTARIA/DQ 011/2010. 2010. Universidade Estadual de Londrina.

Nixdorf, Suzana L.. Teste Seletivo Didático de Professores em Química para Curso Especial Pré-Vestibular da UEL- março 2010. 2010. Universidade Estadual de Londrina.

IDA, Elza Iouko; PRUDÊNCIO, Sandra Helena;NIXDORF, S. L.. Avaliação de Memorial Descritivo para ascensão internível de Professor Associado A para B no Depto de Ciências e Tecnologia de Alimentos. 2009. Universidade Estadual de Londrina.

NIXDORF, S. L.; OLIVEIRA, Rita de Cásia Rodrigues. Teste Seletivo Didático de Professores em Química para Curso Especial Pré-Vestibular da UEL. 2009. Universidade Estadual de Londrina.

NIXDORF, S. L.BENASSI, Marta de ToledoYABE, M.J.S.. Caracterização sensorial, físico-Química e microbiológica e suas correlaçôes com a Qualidade dos diferentes tipos de bebidas de cafés brasileiros. 2009. Universidade Estadual de Londrina.

NIXDORF, S. L.BENASSI, Marta de Toledo; BORSATO, D.. Avaliação do emprego de perfis de carboidratos por HPAE/HPLC-PAD para caracterização e correlação com a qualidade de matérias primas empregadas na produção de cafés torrado e moídos brasileiros. 2009. Universidade Estadual de Londrina.

NIXDORF, S. L.. Seleção de Instrutor de Cursinho Pré-vestibular oferecido pela UEL. 2008. Universidade Estadual de Londrina.

NIXDORF, S. L.. Seleção de Monitoria Acadêmica do Curso de Graduação de Química.. 2008. Universidade Estadual de Londrina.

FRANÇA, José Alexandre de; TOSIN, M. C.; TOGINHO FILHO, D. O.;NIXDORF, S. L.; FRANCA, Maria Bernardete De Morais. Desenvolvimento de um transdutor de umidade no Infravermelho Próximo. 2008. Universidade Estadual de Londrina.

SILVA, R. S. S. F.;NIXDORF, S. L.. CARACTERIZAÇÃO E DISCRIMINAÇÃO DE CAFÉS TORRADOS E MOÍDOS COMERCIAIS PELA COMPOSIÇÃO DE SUBSTÂNCIAS BIOATIVAS. 2008. Universidade Estadual de Londrina.

NIXDORF, S. L.. Avaliação de Memorial Descritivo para promoção inter-classe de Professor Adjunto D para Professor. 2007. Universidade Estadual de Londrina.

NIXDORF, S. L.. Seleção de Instrutor de Cursinho Pré-vestibular da UEL. 2007. Universidade Estadual de Londrina.

NIXDORF, S. L.. Seleção de Monitoria Acadêmica do Curso de Graduação de Química. 2007. Universidade Estadual de Londrina.

TAKASHIMA, Keiko;NIXDORF, S. L.; ZAIA, Dimas Augusto Morozin. Teste Seletivo para área de Química/ Subárea de Físico-Química. 2006. Universidade Estadual de Londrina.

NIXDORF, S. L.. Seleção de Monitoria Acadêmica do Curso de Graduação de Química. 2006. Universidade Estadual de Londrina.

BELÉIA, Adelaide Del Pino; GARCIA, Sandra;NIXDORF, S. L.. Promoção Inter-níveis da Classe Adjunto de Docente. 2005. Universidade Estadual de Londrina.

NIXDORF, S. L.; DALL'ANTONIA, Luiz Henrique; ALFAYA, Reni da Silva. Seleção de Monitoria Acadêmica do Curso de Graduação de Química. 2005. Universidade Estadual de Londrina.

TAKASHIMA, Keiko;NIXDORF, S. L.; BARRETO, W. J.. Leis de Velocidade de Reações. 2001. Universidade Estadual de Londrina.

TAKASHIMA, Keiko;NIXDORF, S. L.; BARRETO, W. J.. Reaçoes Opostas e de equilíbrio. 2001. Universidade Estadual de Londrina.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Gilberto Orivaldo Chierice

CHIERICE, G. O.; LANÇAS, F. M.; POLITO, W. L.. DESENVOLVIMENTO DE SISTEMA INSTRUMENTAL AUTOMATIZADO PARA CROMATOGRAFIA. 1999. Exame de qualificação (Doutorando em Química Analítica São Carlos) - Universidade de São Paulo.

Maria Celia de Oliveira Hauly

HAULY, M. C. O.. Colesterol do corpo à mesa.. 1996. Dissertação (Mestrado em Ciências de Alimentos) - Universidade Estadual de Londrina.

Joao Carlos de Andrade

ANDRADE J.C.. Desenvolvimento de sistemas de instrumentação automatizados para cromatografia. 2000. Tese (Doutorado em Química (Química Analítica)) - Universidade de São Paulo.

Luiz Henrique Mazo

MAZO, L. H.. Desenvolvimento de sistema de instrumentação automatizado para cromatografia. 2000. Tese (Doutorado em Físico-Química) - Universidade de São Paulo.

Elina Bastos Caramao

Caramão, E. B.. Desenvolvimento de sistema de instrumentação automatizado para cromatografia. 2000. Tese (Doutorado em Química Analítica) - Universidade de São Paulo.

Edson Rodrigues Filho

LANÇAS, Fernando Mauro; CHIERCE, Gilberto Orivaldo; Mazo, LH; Ciola, R;Rodrigues-Filho, E.. Desenvolvimento de sistema de instrumentação automatizada para cromatografia. 2000. Tese (Doutorado em Química (Química Analítica)) - Universidade de São Paulo.

Artur de Jesus Motheo

MOTHEO, A. J.. Banca examinadora do exame de qualificação de doutorado. 1999. Exame de qualificação (Doutorando em Físico-Química) - Universidade de São Paulo.

Edvani Curti Muniz

NIXDORF, S. L.;MUNIZ, E. C.; SOUZA, N. E.. Colesterol do Corpo à Mesa. 1996. Dissertação (Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Maringá.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Orientou

Carlos Augusto Luz

Revisitando a Tabela Periódica; Início: 2019; Dissertação (Mestrado profissional em PROFQUI - Mestrado Profissional em Química UEL) - Universidade Estadual de Londrina; (Orientador);

Heverton Jonnys Feitosa da Silva

Métodos para detecção de sangue em cenas de crimes; Início: 2019; Dissertação (Mestrado profissional em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina; (Orientador);

William Bernardes Magalhaes

CLASSIFICAÇÃO DE DEFEITOS DO CAFÉ ARÁBICA E CONILON POR REDE NEURAL CONVOLUCIONAL; Início: 2018; Dissertação (Mestrado em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina; (Orientador);

Carlos Hiroki Hashimoto

Avaliação de instrumentos teórico-praticas no ensino de química; Início: 2017; Dissertação (Mestrado profissional em PROFQUI - Mestrado Profissional em Química UEL) - Universidade Estadual de Londrina; (Orientador);

Yuri Renan Bovolenta

DETERMINACÃO DA COMPOSICÃO FENOLICA E BIOMARCADORES ANTIOXIDANTES DE UVAS NÃO-VINIFERAS DAS VARIEDADES CARMEN E RUBEA POR UPLC-PDA-LC-MSMS; Início: 2017; Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Química Doutorado) - Universidade Estadual de Londrina; (Orientador);

Renan Mendes Ruiz

INTRUMENTAÇÃO E MÉTODOS PARA DETERMINAÇÃO DE POLIFENOIS EM VINHOS DE UVA ISABEL EMPREGANDO ANÁLISE DE IMAGENS DIGITAIS, LC-MS/MS E NIR; Início: 2017; Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Química Doutorado) - Universidade Estadual de Londrina; (Orientador);

Alexandre Vinicius Guedes Mazalli

DESENVOLVIMENTO DE MÉTODOS VISANDO A DISTINÇÃO ENTRE Coffea arabica E Coffea canephora (robusta/conilon); Início: 2016; Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Química Doutorado) - Universidade Estadual de Londrina; (Orientador);

Lycio Shinji Watanabe

DESENVOLVIMENTO DE DISPOSITIVOS, MÉTODOS E AUTOMAÇÃO DE SISTEMAS PARA DETECÇÃO DE FRAUDES NO LEITE; Início: 2016; Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Química Doutorado) - Universidade Estadual de Londrina; (Orientador);

Mariana Bortholazzi Almeida

Determinação multirresíduo de contaminantes em amostras de água e efeitos tóxicos de pesticidas utilizando o modelo Zebrafish; Início: 2014; Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Química Doutorado) - Universidade Estadual de Londrina; (Orientador);

Tiago Bervelieri Madeira

Métodos analíticos para controle de qualidade de café torrado e moído empregando espectroscopia NIR e cromatografia de ultra alta eficiência acoplada à espectrometria de massas; Início: 2014; Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Química Doutorado) - Universidade Estadual de Londrina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; (Orientador);

Rhye Léssa Ishikawa

DESENVOLVIMENTO E VALIDAÇÃO DE METODOLOGIAS ANALÍTICAS PARA CONTROLE DE QUALIDADE DE CLORIDRATO DE MEMANTINA; Início: 2018; Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Fármacia Com Habilitação em Farmacêutico Industrial) - Universidade Estadual de Londrina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; (Orientador);

Kemily Vitória de Andrade Silva

Acrilamida por LC-MS/MS; Início: 2019; Iniciação científica (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; (Orientador);

Caroline Teixeira Lopes

OCRATOXINA A EM CAFÉS VERDE, TORRADO E SOLÚVEL; Início: 2018; Iniciação científica (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; (Orientador);

Francielle de Fatima Garcia

DETERMINAÇÃO DE LACTOSE EM MEDICAMENTOS; Início: 2018; Iniciação científica (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico; (Orientador);

Ana Heloisa Fonseca Ayala

DESENVOLVIMENTO DE UM MÉTODO CROMATOGRÁFICO PARA A DETECÇÃO E QUANTIFICAÇÃO DE GLÚTEN EM 3 DIFERENTES CLASSES DE ALIMENTOS: SEM GLUTÉN, COM GLÚTEN E NATURALMENTE SEM GLÚTEN; Início: 2018; Iniciação científica (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico; (Orientador);

Danieli Paulani Alves

POTENCIAL PARA DETECÇÃO DA MISTURA DE ÓLEOS VEGETAIS COMERCIAIS EM AZEITE DE OLIVA POR TÉCNICAS ESPECTROSCÓPICAS NO INFRAVERMELHO; Início: 2018; Iniciação científica (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; (Orientador);

Agerdânio Andrade de Souza

BIOMONITORAMENTO DA ATIVIDADE LEISHMANICIDA E IMUNOMODULADORA DE EXTRATOS DE FOLHAS DA TRATTINNICKIA RHOIFOLIA WILLD RELACIONADAS À COMPOSIÇÃO QUÍMICA DETERMINADA POR GC E LC-MS/MS; 2017; Dissertação (Mestrado em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina,; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

LETÍCIA APARECIDA MARQUES

Desenvolvimento, otimização e validação de método para extração de fluoxetina em plasma com microbarra de agitação por HPLC-FD; 2016; Dissertação (Mestrado em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Lycio Shinji Watanabe

DESENVOLVIMENTO E VALIDAÇÃO INSTRUMENTAL E METODOLÓGICO PARA DETERMINAÇÃO DE FORMOL EM LEITE EMPREGANDO UV-VIS, HPLC E IMAGENS DIGITAIS POR SCANNER; 2016; Dissertação (Mestrado em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Yuri Renan Bovolenta

UVA ?ISABEL?: PERFIL FENOLICO DE CASCAS E SEMENTES E, INFLUÊNCIA SOB A CAPACIDADE ANTIOXIDANTE E COR DO SUCO APÓS APLICAÇÃO DO ÁCIDO ABSÍSICO; 2015; Dissertação (Mestrado em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina,; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Tiago Bervelieri Madeira

Perfil e valores de referência de carboidratos de cafés premiados pela boa qualidade; 2014; Dissertação (Mestrado em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Mariana Bortholazzi Almeida

USO DO BIOMARCADOR MALONDIALDEÍDO EM ANÁLISES DE ESTRESSE OXIDATIVO EM DIVERSOS MODELOS EXPERIMENTAIS; 2014; Dissertação (Mestrado em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Vinicius Ricardo Acquaro Junior

DESENVOLVIMENTO E VALIDAÇAO DE MÉTODOS PARA EQUIVALÊNCIA FARMACÊUTICA DO ANTIRRETROVIRAL TENOFOVIR EMPREGADO NO TRATAMENTO DE AIDS E HEPATITE; 2014; Dissertação (Mestrado em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina,; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Leonel Vinícius Constantino

Desenvolvimento e Validaçao de método cromatográfico para análise de açúcares livres em café verde; 2013; Dissertação (Mestrado em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

erieldes sousa silva

DESENVOLVIMENTO DE MÉTODO PARA DETERMINAÇÃO DE TEOR DE FUMARATO DE TENOFOVIR DESOPROXILA EM MATÉRIA-PRIMA E COMPRIMIDO EMPREGANDO HPLC; 2013; Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional em Toxicologia Aplicada à Vi) - Universidade Estadual de Londrina,; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Alexandre Lindolfo Modesto

ANÁLISE CRÍTICA SEGUNDO REQUISITOS DE VALIDAÇÃO DE MÉTODO PARA A DETECÇÃO E QUANTIFICAÇÃO DE FUMONISINAS B1 E B2 EM MILHO POR HPLC; 2013; Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional em Toxicologia Aplicada à Vi) - Universidade Estadual de Londrina,; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Edmar Fernando de Oliveira

Avaliação de resveratrol, capacidade antioxidante e acidez em vinho da região sul do Brasil; 2011; Dissertação (Mestrado em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Diego Soares Domingues

Detecção de Adulterantes em Café Arabica por Sistemas de Cromatografia Líquida; 2011; Dissertação (Mestrado em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina,; Coorientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Ana Lúcia de Souza Madureira Felício

Avaliação do transporte do Diuron no meio ambiente; 2011; Dissertação (Mestrado em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Coorientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Jaqueline Tobias de Moraes

Determinação de valores de referência com intervalos quantitativos para ensaios físico-químicos e perfil químico por CLAE-DAD para controle de qualidade da Cavalinha (Equisetum giganteum L; ); 2011; Dissertação (Mestrado em Programa de Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Elis Daiane Pauli

Desenvolvimento de metodologia para determinação de adulterantes em café empregando HPAEC-PAD e quimiometria; 2010; 0 f; Dissertação (Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Valderi Cristiano

Validação analítica e determinação de Ocratoxina A em qualidades de bebidas de café correlacionando defeitos, carboidratos e microbiota fúngica; 2010; Dissertação (Mestrado em Química) - Universidade Estadual de Londrina,; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Leonel Vinícius Constantino

SORÇÃO?DESSORÇÃO E ESPECIAÇÃO DE POLUENTES INORGÂNICOS EMERGENTES; 2017; Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Química Doutorado) - Universidade Estadual de Londrina,; Coorientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Mirela Fulgencio Rabito

Desenvolvimento e Validaçao de Método Analítico para Determinaçao de Lactonas Sesquiterpênicas do Tanacetum parthenium (L; ) Schultz-BIP e Avaliaçao da Atividade Antileishimania; 2014; Tese (Doutorado em Ciências Farmacêuticas) - Universidade Estadual de Maringá,; Coorientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Sandra Aparecida Sahyun

VARIABILIDADE GENÉTICA E QUÍMICA EM GERMOPLASMA DE POPULAÇÕES NATIVAS DE ESPINHEIRA SANTA (MAYTENUS AQUIFOLIUM; 2011; Tese (Doutorado em Agronomia) - Universidade Estadual de Londrina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Coorientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Alessandra Maffei Monteiro

2016; Universidade Estadual de Londrina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Suzana Lucy Nixdorf;

Gilberto Costa Braga

Flavonas C-Glicosídeos e atividade antioxidante em suco, semente e casca dos frutos Passiflora edulis e P; alata; 2013; Universidade Estadual de Londrina,; Suzana Lucy Nixdorf;

Giovana da Silva Ramos

Ocorrência de flavonoides em flores de cultivares de soja com diferente coloração de pétalas; 2018; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Caroline Teixeira Lopes

DETERMINAÇÃO DE OCRATOXINA A EM SUCOS DE UVA POR CROMATOGRAFIA LÍQUIDA EMPREGANDO EXTRAÇÃO SUPRAMOLECULAR; 2018; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Mayara Portieri Alves da Silva

PROPOSTA DE ANÁLISE DE CARBOIDRATOS PARA DETERMINAÇÃO INDIRETA DE LACTOSE EM LEITES UHT?s E AVALIAÇÃO DA HIDRÓLISE ENZIMÁTICA DE ENZIMAS COMERCIAS E INDUSTRIAIS POR GLICOSÍMETRO; 2018; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Thais Tiemi Nakahara

Validação de método de extração de fluoxetina em plasma por mSBSE com quantificação por HPLC-FD; 2016; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Giselle Lopes Silva

Desenvolvimento de método cromatográfico para análise de teores de cafeína e trigonelina de cafés torrado e moído comerciais; 2016; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Maria de Almeida Silva

Caracterização cromatográfica de cafés torrado e moído comerciais por análise de carboidratos totais; 2016; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Suelen Pereira Magalhães

AVALIAÇÃO DE MÉTODO PARA COLETA DE COMPOSTOS ORGÂNICOS VOLÁTEIS EM FLORES DE SOJA E GIRASSOL; 2016; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Denise Caroline de Souza

DETERMINAÇÃO DE FORMOL EM LEITE POR IMAGENS DIGITAIS EMPREGANDO SCANNER; 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Araucaria; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Letícia Thaís Chendynski

QUANTIFICAÇÃO POR HPLC-HPAEC-PAD DE CARBOIDRATOS TOTAIS EM FARINHA DE TRIGO INTEGRAL ELABORADA POR GRÃOS NO ESTÁDIO DE MATURAÇAO FISIOLÓGICA COLHIDOS COM ATRASO; 2013; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

LETÍCIA APARECIDA MARQUES

Desenvolvimento de método de preparo de amostra para fluoxetina empregando barra de agitação sortiva; 2013; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Cyntia Helena Gomes Alves Silva

Métodos de extração de carboidratos livres em café verde por microondas e agitação orbital; 2012; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina, UEL; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Bárbara Sthéfani Caldas

Comparação entre refratômetria, espectrofotometria e cromatografia líquida na determinação de açúcares totais em suco integral e néctares de uva; 2012; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Pamella Cristina Scheel

DETERMINAÇÃO DO MALONDIALDEÍDO (MDA) COM O AGENTE DERIVATIZANTE 2,4-DINITROFENILHIDRAZINA (DNPH) POR HPLC-PDA EM PACIENTES LEUCÊMICOS; 2011; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Patrick Juliano Gomes Wietchorek

RESVERATROL: VALIDAÇÃO DE METODOLOGIA E QUANTIFICAÇÃO EM VINHO DAS REGIÕES OESTE E SUDOESTE DO PARANÁ; 2011; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Jayme de Toledo Piza e Almeida Filho

Capacidade anti-oxidante e Resveratrol de vinhos do Sul do Brasil; 2010; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Estefano Nakamura

Avaliação da influência no teor de carboidratos com adição de milho e trigo em café torrado e moído; 2009; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Diego Soares Domingues

Avaliação do desempenho de um sistema automatizado desenvolvido para monitoramento e correção do pH e condutividade da solução nutriente aplicado ao cultivo de alface hidropônica; 2008; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Vinicius Renovato de Souza

Validação de metodologia para avaliação de vicenina em extrato de arnica; 2008; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

PAULI, Elis Daiane

validação de metodologia para determinação de carboidratos em café solúvel com reação pós-coluna por CLAE/UV-Vis; 2007; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

MORAES, Jaqueline Tobias de

Perfil Cromatográfico de Mikania glomerata; 2007; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

GARCIA, Livia Maria Zambrozi

Avaliação Quimiométrica do Perfil de Adulterações de Café por Milho e Casca pela Determinação de Carboidratos empregando HPAE-PAD; 2006; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

ZAMARION, Vitor de Moraes

Determinação do agrotóxico Clorpirifós por cromatografia líquida de alta eficiência em alfaces comercializadas na cidade de Londrina; 2005; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

SOUZA, Camila Ribeiro de

Quantificação da Epigalo-Catequina-3-Galato e Cafeína de Chás Verdes Comerciais; 2005; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Graziella Barbosa Pinto

Estudo metodológico para determinação de carboidratos totais em café solúvel por HPAEC-PAD utilizando acoplamento de diferentes equipamentos comerciais; ; 2004; 65 f; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Alessandra Maffei Monteiro

Estudo e a quantificação da cafeína em alimentos energéticos comerciais e seus efeitos no organismo; ; 2004; 32 f; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Elisangela Manjurma Deduch

Determinação potenciométrica de fluoreto em águas da região de Londrina; 2004; 27 f; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Ewaldo Gean Freitas Borges

Passo a Passo da metodologia empregando CLAE aplicada a fármacos; ; 2004; 37 f; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Gisele Marquis Salemi

Determinação de Carboidratos em café solúvel utilizando HPAEC com sistema pulso amperométrico home-made; ; 2004; 61 f; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Pyolla Nascimento Basso

Perfil cromatográfico de extratos aquosos e hidroalcoólicos de Bidens Pilosa (Picão Preto); 2004; 80 f; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Lincoln Figueira Marins Coutinho

Desenvolvimento de sistema instrumental para determinação de carboidratos em café solúvel utilizando HPAE-PAD; 2003; 50 f; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Priscilla Lariani Lui

Caracterização das espécies coffea arabica e canephora da coleção de germoplasma da fazenda escola da UEL quanto ao teor de cafeína por HPLC; 2003; 33 f; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Daniela Silva Vilela

Determinação do Teor de Cafeína em Produtos Alimentícios Comerciais por HPLC; 2002; 35 f; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Química) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Caroline Teixeira Lopes

MÉTODO PARA QUANTIFICAÇÃO DE XANTINAS EM PLASMA HUMANO E ANIMAL POR UPLC-MS/MS; 2018; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Leticia Juliani Valente

MÉTODOS CROMATOGRÁFICO E ESPECTROFOTOMÉTRICO PARA QUANTIFICAÇÃO DE ESOMEPRAZOL EMPREGADO NO TRATAMENTO DE REFLUXO GASTROESOFÁGICO; 2018; Iniciação Científica - Universidade Estadual de Londrina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Ana Heloisa Fonseca Ayala

DESENVOLVIMENTO DE FASE MONOLITICA IN TUBE PARA ANÁLISES EM EXTRAÇÃO EM FASE SÓLIDA; 2018; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, UEL; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Francielle Garcia

VIABILIDADE DA UTILIZAÇÃO DA ANÁLISE POR IMAGEM DIGITAL VIA SMARTPHONE NA DETECÇÃO DE FORMALDEÍDO EM LEITES BOVINOS; 2018; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Mayara Portieri Alves da Silva

Determinação do teor de lactose em produtos lácteos sem lactose comerciais por HPLC-RID; 2018; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

José Lucas Rezende de Paula

Investigação de potencial leishmanicida de extratos vegetais; 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Daniele Paulani Alves

Metodos para matrizes alimentares complexas empregando LC-MS/MS e NIR; 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Marcela Alves Arroyo

MATERIAL SORVENTE SINTETIZADO E TESTADO NA PRÉ-CONCENTRAÇÃO VISANDO A REMEDIAÇÃO DE METAIS TÓXICOS COMO PRATA, CHUMBO E CÁDMIO; 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, UEL; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

José Lucas Rezende de Paula

Potencial emprego dos teores de cafeína e trigonelina determinados por HPLC e NIR na diferenciação de Coffea arabica de canephora, visando estabelecer o perfil dos cafés torrado e moído comerciais brasileiros; 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Pedro Paulo Gilio Saraiva

Desenvolvimento de dispositivos instrumentais; 2017; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Rhye Léssa Ishikawa

MÉTODO RÁPIDO E SENSÍVEL PARA DETECÇÃO DE XANTINAS POR CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ULTRA ALTA EFICIÊNCIA COM DETECÇÃO SIMULTÂNEA POR ARRANJO DE DIODOS E ESPECTROMETRIA DE MASSAS APLICADO À ESTUDOS DE QUALIDADE DE CAFÉS E MARCADORES DE POLUIÇÃO EM ÁGUAS; 2017; Iniciação Científica - Universidade Estadual de Londrina, Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

José Lucas Rezende de Paula

Estudo da influência na qualidade dos cafés torrado e moído comerciais dos carboidratos totais determinados por HPLC-HPAE-PAD; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Leticia Juliani Valente

Separações cromatográficas de extrato de planta amazônica com potencial leishimanicida; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Giselle Lopes Silva

Desenvolvimento de Intrumentação voltada a determinações bioanalíticas; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Caroline Teixeira Lopes

Determinação do teor de carboidratos totais em cafés torrado e moído comerciais por HPLC-HPAE-PAD; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Mayara Portieri Alves da Silva

Determinação do teor de cafeína em amostras de café torrado e moído comerciais por HPLC; 2016; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Drielle Caroline Castilho

ENSAIO DE DISSOLUÇÃO PARA FUMARATO DE TENOFOVIR DESOPROXILA: DESENVOLVIMENTO E AUTOMAÇÃO; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Thais Tiemi Nakahara

Estudo da influência na qualidade dos cafés torrado e moído comerciais da cafeína determinada por HPLC; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, UEL; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Andréa Eloisa da Silva Reis

Estudo da influência na qualidade dos cafés torrado e moído comerciais dos carboidratos totais determinados por HPLC-HPAE-PAD; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Giselle Lopes Silva

Desenvolvimento de dispositivos para pré-concentração de pesticidas; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Thais Tiemi Nakahara

DETERMINAÇÃO DE ATIVIDADE ANTIOXIDANTE EM VINHOS TINTOS DO SUL DO BRASIL; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Maria de Almeida Silva

DETERMINAÇÃO DE TEOR DE CARBOIDRATOS LIVRES EM FARINHA DE TRIGO; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Luana Rianne da Rocha

Caracterização física e química de argilominerais para confecção de dispositivos concentradores de passivos ambientais; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, UEL; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Denise Caroline de Souza

Métodos analíticos limpos para controle de qualidade do tenofovir antirretroviral para tratamento da AIDS e Hepatite B; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Araucaria; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Drielle Caroline Castilho

Proposição de métodos para verificação da qualidade do leite; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Jéssica Gubany Sanches

Avaliação da Qualidade de Vinhos Bordô do Paraná; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Drielle Caroline Castilho

Determinação de carboidratos solúveis aplicáveis a alimentos; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Cyntia Helena Gomes Alves Silva

Qualidade x adulterações em cafés comerciais; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Drielle Caroline Castilho

Otimização na extração e quantificação da lactose no leite pasteurizado empregando HPLC; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Letícia Thaís Chendynski

Desenvolvimento e Validação de Método de Extração de Carboidratos Totais para Farinha Integral; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

LETÍCIA APARECIDA MARQUES

Parâmetros de Capacidade Antioxidante do Vinho Bordô safra 2012; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Matheus Sampaio Goveia

Migração total e específica de contaminantes não voláteis de embalagens plásticas por cromatografia líquida; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Lilian Laurentino da Silva

Modelagem de sorção e dessorção de Se(IV) e Se(VI) em Argila Tamarana verde; 2013; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

LETÍCIA APARECIDA MARQUES

Avaliação de parâmetros de qualidade em vinhos do Paraná; 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Jéssica Gubany Sanches

Determinação da capacidade antioxidante de vinhos de mesa paranaenses elaborados com a variedade Bordô; 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Mayara de Souza

Comparação de métodos espectrofotométricos para determinação de açúcares redutores em cafés solúveis comerciais; 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Farmácia) - Universidade Estadual de Londrina, Araucaria; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Cyntia Helena Gomes Alves Silva

Métodos de extração de carboidratos solúveis do café verde em água por microondas e agitação orbital; 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, UEL; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Leonel Vinícius Constantino

Determinando açúcares em sucos integrais e néctares comerciais de laranja; ; 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Agronomia) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Matheus Sampaio Goveia

Validação de métodos analíticos aplicado a fármacos e medicamentos; 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

LETÍCIA APARECIDA MARQUES

APLICAÇÃO DE NIR PARA AVALIAÇÃO DE PARÂMETROS ANALÍTICOS DO VINHO; 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Letícia Thaís Chendynski

APLICAÇÃO DE MÉTODO RÁPIDO (NIR) NO CONTROLE DE UMIDADE E ADULTERAÇÕES EM CAFÉ; 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Felipe Augusto Gorla

Métodos rápidos de análise- modelo de calibração para predição simultânea de parâmetros empregando NIR; ; 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Dáfiny Pomáira Bortholazzi

Determinação de carboidratos solúveis de arroz e trigo; 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Bárbara Sthéfani Caldas

Comparação de técnicas para determinação de açúcares solúveis em suco de uva integral e néctares de uva; ; 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Matheus Sampaio Goveia

Quantificação de BHT em nanopartícula de amido acetilado por HPLC; ; ; 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Letícia Thaís Chendynski

Teor de carboidratos em café solúvel comerciais por HPLC-HPAE-PAD; ; 2012; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Felipe Augusto Gorla

TEORES DE CAFEÍNA EM CAFÉ SOLÚVEL DETERMINADOS POR CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ALTA EFICIÊNCIA E ESPECTROSCOPIA DE INFRAVERMELHO PRÓXIMO; 2011; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Letícia Thaís Chendynski

Aplicação de NIR comercial para avaliação de desempenho de sistema de medição de umidade ?lab-made?; 2011; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Pamella Cristina Scheel

Quantificação do biomarcador plasmático malondialdeído em pacientes leucêmicos por HPLC-PDA; 2011; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Araucaria; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Bárbara Sthéfani Caldas

AVALIAÇÃO DA EFICIÊNCIA DO TRATAMENTO DE EFLUENTE PROVENIENTE DA LAVAGEM DE CARROS EMPREGANDO ELETROFLOTAÇÃO COM ELETRODOS DE FERRO E ALUMÍNIO; 2011; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Araucaria; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Matheus Sampaio Goveia

Quantificação de MDA em plasma humano em pacientes portadores de leishmaniose por cromatografia líquida com arranjo de diodos; 2011; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Julia Estéfane Martins de Abreu

Qualidade de cafés torrado e moído comerciais; ; 2011; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, UEL; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

LETÍCIA APARECIDA MARQUES

Caracterizaçao de vinhos de mesa por NIR; 2011; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Jéssica Gubany Sanches

NIR utilizado para medidas de umidade, carboidratos,OTA em café; 2011; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Julia Estéfane Martins de Abreu

AVALIAÇÃO DE QUALIDADE DO CAFÉ TORRADO E MOÍDO COM DISTINÇÃO DE ADULTERANTES POR PERFIS CROMATOGRÁFICOS; 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Araucaria; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Bárbara Sthéfani Caldas

Variabilidade nos vinhos Bordo de Paraná em diferentes safras; 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Araucaria; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Letícia Thaís Chendynski

Instrumentação ? Teste de performance para sensor de umidade NIR; ; 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Francys William Massura

Avaliação de adulterantes em cafés torrado comerciais empregando HPLC-HPAE-PAD; 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Matheus Sampaio Goveia

MDA utilizado como biomarcador de contaminação por leishmania MDA; ; 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Pamella Cristina Scheel

Determinação do Ácido Delta-Aminolevulínico em Urina de Trabalhadores Expostos a Chumbo por HPLC; 2010; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Uel; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Gabriela Amaral Buqui

Determinação da absorção/eliminação de vicenina-2 em extrato de arnica por técnica de perfusão intestinal monitorada por HPLC; 2009; Iniciação Científica; (Graduando em Farmácia e Bioquímica) - Universidade Estadual de Londrina, Uel; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Francys William Massura

Qualidade de amostras de cafés torrado comerciais avaliadas empregando os teores de carboidratos determinados por HPLC-HPAE-PAD; 2009; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Ana Claudia Mainardi

Desenvolvimento e validação de método para determinação de ácido delta-aminolevulínico urinário por HPLC visando monitoramento à exposição ocupacional de trabalhadores ao chumbo; 2009; Iniciação Científica; (Graduando em Farmácia e Bioquímica) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Julia Estéfane Martins de Abreu

Avaliação quimiométrica da adição de alguns adulterantes comumente empregados em cafés torrado e moído brasileiros pela determinação de carboidratos por HPAEC-PAD; ; 2009; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Araucaria; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Franciele Barbieri

Avaliação dos teores dos carboidratos de cafés torrado e moído de amostras comerciais brasileira por HPAEC-PAD; ; 2009; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Araucaria; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

SILVA, Elisângela Tavares

Desenvolvimento de material didático para Tabela Periódica interativa ampliada; 2008; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Araucaria; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

WIETCHOREK, Patrick Juliano Alves

Otimização da produção de extrato de arnica; 2008; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Araucaria; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

GOVEIA, Matheus Sampaio

Testes de farmacocinética de flavonóides em extrato de arnica; 2008; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Araucaria; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Matheus Sampaio Goveia

Avaliação da repetitividade nos teores do flavonóide ativo vicenina-2 em dois lotes de extratos secos padronizados de Lychnophora ericoides(Arnica-da-serra); 2008; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Araucaria; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Franciele Barbieri

Comparação da linearidade em dois sistemas cromatográficos utilizando fase reversa para análise do flavonóide vicenina-2; 2008; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Araucaria; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Diego Soares Domingues

Monitoramento e controle automático do pH, condutividade e nitrato dos nutrientes da solução empregada no cultivo da alface hidropônica; 2006; 57 f; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Aline Alves Almeida

Avaliação de condições cromatográficas para analise de carboidratos; 2001; 25 f; Iniciação Científica; (Graduando em Química) - Universidade Estadual de Londrina, Uel; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Renata Franzan

Avaliação de sistema de diluição on-line para cromatografia; 2000; 40 f; Iniciação Científica; (Graduando em Farmácia e Bioquímica) - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Cecília Estima Sacramento dos Reis

Bolsa Técnico no Laboratório de Apoio à Pesquisa Agropecuária - LAPA da CENTRAL MULTIUSUÁRIA DE LABORATÓRIOS DE PESQUISA DA UEL (CMLP) PROPPG Março de 2018; 2018; Orientação de outra natureza - Universidade Estadual de Londrina, Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Lycio Shinji Watanabe

Bolsa Técnico no Laboratório de Apoio à Pesquisa Agropecuária - LAPA da CENTRAL MULTIUSUÁRIA DE LABORATÓRIOS DE PESQUISA DA UEL (CMLP) PROPPG; Julho 2016 - Fevereiro 2018; 2017; Orientação de outra natureza - Universidade Estadual de Londrina, Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Alessandra Maffei Monteiro

Bolsa Técnico no Laboratório de Apoio à Pesquisa Agropecuária - LAPA da CENTRAL MULTIUSUÁRIA DE LABORATÓRIOS DE PESQUISA DA UEL (CMLP) PROPPG Nov 2015 - Junho 2016; 2016; Orientação de outra natureza - Universidade Estadual de Londrina, Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Yasmin Saegusa Tadayozzi

Bolsa Técnico no Laboratório de Apoio à Pesquisa Agropecuária - LAPA da CENTRAL MULTIUSUÁRIA DE LABORATÓRIOS DE PESQUISA DA UEL (CMLP) PROPPG Jun 2015 - Out 2016; 2015; Orientação de outra natureza - Universidade Estadual de Londrina, Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Agerdânio Andrade de Souza

Bolsa Técnico no Laboratório de Apoio à Pesquisa Agropecuária - LAPA da CENTRAL MULTIUSUÁRIA DE LABORATÓRIOS DE PESQUISA DA UEL (CMLP) PROPPG Agosto 2014 - Maio 2015; 2014; Orientação de outra natureza - Universidade Estadual de Londrina, Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Mariana Bortholazzi Almeida

Bolsa Técnico no Laboratório de Apoio à Pesquisa Agropecuária - LAPA da CENTRAL MULTIUSUÁRIA DE LABORATÓRIOS DE PESQUISA DA UEL (CMLP) PROPPG Março 2014 -Julho 2014; 2014; Orientação de outra natureza - Universidade Estadual de Londrina, Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Isadora Souza Vieira

Bolsa Técnico no Laboratório de Apoio à Pesquisa Agropecuária - LAPA da CENTRAL MULTIUSUÁRIA DE LABORATÓRIOS DE PESQUISA DA UEL (CMLP) PROPPG; Abril 2013-Fev 2014; 2013; Orientação de outra natureza - Universidade Estadual de Londrina, Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Raquel Justo

Dia-a-dia dos carboidratos; 2004; 0 f; Orientação de outra natureza - Universidade Estadual de Londrina; Orientador: Suzana Lucy Nixdorf;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Paulo Lauro Correa de Oliveira

Desenvolvimento Metodológico e automação instrumental para a determinação de carboidratos em café; ; 2004; Orientação de outra natureza - Universidade de São Paulo; Orientador: Paulo Lauro Correa de Oliveira;

FERNANDO MAURO LANCAS

Desenvolvimento de Sistema de Instrumentação Automatizada para Cromatografia; 2000; 0 f; Tese (Doutorado em Química (Físico-Química)) - Universidade de São Paulo,; Orientador: Fernando Mauro Lanças;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • CONSTANTINO, L. V. ; BABA, V. Y. ; RODRIGUES, R. ; PALADINI, A. ; NIXDORF, S. L. ; GONÇALVES, L. S. A. . Capsicum-Colletotrichum interaction: Identification of resistance sources and quantification of secondary metabolites in unripe and ripe fruits in response to anthracnose infection. SCIENTIA HORTICULTURAE , v. 246, p. 469-477, 2019.

  • WATANABE, L. S. ; BOVOLENTA, Y. R. ; ACQUARO JUNIOR, V. R. ; BARBIN, D. F. ; MADEIRA, T. B. ; NIXDORF, S. L. . Investigation NIR spectra pre-processing methods combined with multivariate regression for industrial in process determination of powdered egg moisture. ACTA SCIENTIARUM-TECHNOLOGY , v. 40, p. 1-8, 2018.

  • TOMIOTTO-PELLISSIER, FERNANDA ; ALVES, DANIELA RIBEIRO ; MIRANDA-SAPLA, MILENA MENEGAZZO ; DE MORAIS, SELENE MAIA ; ASSOLINI, JOÃO PAULO ; DA SILVA BORTOLETI, BRUNA TACIANE ; GONÇALVES, MANOELA DAIELE ; CATANEO, ALLAN HENRIQUE DEPIERI ; KIAN, DANIELLE ; MADEIRA, TIAGO BERVELIERI ; YAMAUCHI, LUCY MEGUMI ; Nixdorf, Suzana Lucy ; COSTA, IDESSANIA NAZARETH ; CONCHON-COSTA, IVETE ; PAVANELLI, WANDER ROGÉRIO . Caryocar coriaceum extracts exert leishmanicidal effect acting in promastigote forms by apoptosis-like mechanism and intracellular amastigotes by Nrf2/HO-1/ferritin dependent response and iron depletion. BIOMEDICINE & PHARMACOTHERAPY , v. 98, p. 662-672, 2018.

  • RUFINO, J. V. ; TROMBETA, F. B. ; SILVA, F. C. Q. ; ALMEIDA, M. B. ; NERY, M.M.F. ; MADEIRA, T. B. ; NIXDORF, S. L. . Desenvolvimento e validação de metodologias para quantificação de esomeprazol por cromatografia líquida de alta eficiência e espectrofotometria no ultravioleta. REVISTA BRASILEIRA DE FARMACIA , v. 99, p. 2505-2519, 2018.

  • PINHEIRO, K. H. ; WATANABE, L. S. ; NIXDORF, S. L. ; BARÃO, C. E. ; PIMENTEL, T. C. ; MATIOLI, G. ; DE MORAES, F. F. . Cassava bagasse as a substrate to produce cyclodextrins. STARCH-STARKE , v. 70, p. 1-9, 2018.

  • MARQUES, LETÍCIA APARECIDA ; NAKAHARA, THAÍS TIEME ; MADEIRA, TIAGO BERVELIERI ; ALMEIDA, MARIANA BORTHOLAZZI ; MONTEIRO, Alessandra Maffei ; DE ALMEIDA SILVA, MARIA ; CARRILHO, EMANUEL ; PICCOLI DE MELO, LUIZ GUSTAVO ; Nixdorf, Suzana Lucy . Optimization and validation of an SBSE-HPLC-FD method using lab-made stir bars for fluoxetine determination in human plasma. BIOMEDICAL CHROMATOGRAPHY , v. 1, p. e4398-9, 2018.

  • MADEIRA, T. B. ; SILVA, G. L. ; WATANABE, L. S. ; LOPES, C. T. ; MAZALLI, A.V.G. ; ALMEIDA, M. B. ; NIXDORF, S. L. . Método rápido e sensível para determinação de trigonelina e cafeína por UHPLC-DAD aplicado a café torrado e moído. SCIENTIA CHROMATOGRAPHICA , v. 9, p. 160-170, 2017.

  • ALMEIDA, M. B. ; CARRILHO, E. ; NIXDORF, S. L. . Evaluation of Oxidative Stress in Patients with Acute Lymphoblastic Leukemia: Experimental Evidence of the Efficacy of MDA as Cancer Biomarker in Young Patients. JOURNAL OF THE BRAZILIAN CHEMICAL SOCIETY , p. 615-631, 2017.

  • FARIAS, CARINE CONEGLIAN DE ; MAES, MICHAEL ; BONIFÁCIO, KAMILA LANDUCCI ; BORTOLASCI, CHIARA CRISTINA ; NOGUEIRA, ANDRÉ DE SOUZA ; BRINHOLI, FRANCIS FREGONESI ; MATSUMOTO, ANDRESSA KEIKO ; NASCIMENTO, MATHEUS AMARANTE DO ; MELO, LÚCIO BAENA DE ; Nixdorf, Suzana Lucy ; LAVADO, EDSON LOPES ; MOREIRA, ESTEFÂNIA GASTALDELLO ; BARBOSA, DÉCIO SABBATINI . Highly specific changes in antioxidant levels and lipid peroxidation in Parkinson's disease and its progression: disease and staging biomarkers and new drug targets.. Neuroscience Letters (Print) , v. 617, p. 66-71, 2016.

  • FELÏCIO, A. L. S. M. ; MONTEIRO, Alessandra Maffei ; ALMEIDA, M. B. ; CAMPOS, T. ; NIXDORF, S. L. ; YABE, M.J.S. . Validation of a liquid chromatography ultraviolet method for determination of herbicide diuron and its metabolites in soil samples. Anais da Academia Brasileira de Ciências (Online) , v. 88, p. 1135-1241, 2016.

  • SILVA, E. S. ; ALMEIDA, M. B. ; NERY, M.M.F. ; RABITO, M. F. ; ACQUARO JUNIOR, V. R. ; MADEIRA, T. B. ; Suzana Lucy Nixdorf . Método Analítico para doseamento de Fumarato de Tenofovir Desoproxila por cromatografia líquida. Revista Brasileira de Farmácia / Brazilian Journal of Pharmacy , v. 97, p. 104-118, 2016.

  • BUQUI, Gabriela Amaral ; MERINO-SANJUAN, M. ; GOUVEA, D. ; Nixdorf, Suzana Lucy ; KIMURA, E. ; DERENDORF, H. ; LOPES, N. P. ; DINIZ, Andréa . Characterization of intestinal absorption of C-glycoside flavonoid vicenin-2 from Lychnophora ericoides leafs in rats by nonlinear mixed effect modeling. Revista Brasileira de Farmacognosia (Impresso) , v. 25, p. 212-218, 2015.

  • MACRI, J. A. ; SILVA, S. S. ; MIRANDA, M. M. ; KAWAKAMI, N. Y. ; HAYASHIDA, T. H. ; MADEIRA, T. B. ; NIXDORF, S. L. ; ACQUARO JUNIOR, V. R. ; AMBROSIO, S. R. ; VERRI JR, W. A. ; CECCHINI, R. ; CONCHON-COSTA, I. ; ARAKAWA, N. S. . Kaurenoic Acid Possesses Leishmanicidal Activity by Triggering a NLRP12/IL-1 β /cNOS/NO Pathway. Mediators of Inflammation (Print) , v. 2015, p. 1-10, 2015.

  • CALDAS, B. S. ; CONSTANTINO, L. V. ; SILVA, C. H. G. A. ; MADEIRA, T. B. ; NIXDORF, S. L. . Determinação de açúcares em suco concentrado e néctar de uva: comparativo empregando refratometria, espectrofotometria e cromatografia líquida. Scientia Chromatographica , v. 7, p. 53-63, 2015.

  • YAMAMOTO, LILIAN YUKARI ; KOYAMA, RENATA ; ASSIS, ADRIANE MARINHO DE ; ROBERTO, SERGIO RUFFO ; BOVOLENTA, YURI RENAN ; Nixdorf, Suzana Lucy ; GARCÍA-ROMERO, ESTEBAN ; GÓMEZ-ALONSO, SERGIO ; HERMOSÍN-GUTIÉRREZ, Isidro . Phenolic compounds in juice of -Isabel- grape treated with abscisic acid for color improvement. BIO Web of Conferences , v. 5, p. 01014-01014-p.10, 2015.

  • YAMAMOTO, L.Y. ; ASSIS, A. M. ; ROBERTO, Sérgio Ruffo ; BOVOLENTA, Y. R. ; NIXDORF, S. L. ; GARCIA-ROMERO, E. ; GÓMEZ-ALONSO, S. ; HERMOSÍN-GUTIÉRREZ, Isidro . Application of abscisic acid (S-ABA) to cv. Isabel grapes (Vitis vinifera × Vitis labrusca) for color improvement: Effects on color, phenolic composition and antioxidant capacity of their grape juice. Food Research International , v. 77, p. 572-586, 2015.

  • BARBIN, D. F. ; FELÍCIO, A. L. de S. M. ; SUN, Da-Wen ; NIXDORF, S. L. ; HIROOKA, Elisa Yoko . Application of infrared spectral techniques on quality and compositional attributes of coffee: An overview. Food Research International , v. 1, p. S09639969140000, 2014.

  • PAULI, Elis Daiane ; BARBIERI, Franciele ; GARCIA, P. S. ; MADEIRA, T. B. ; ACQUARO JUNIOR, V. R. ; SCARMÍNIO, Ieda Spacino ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . Detection of ground roasted coffee adulteration with roasted soybean and wheat. Food Research International , v. I1, p. S09639969140014-119, 2014.

  • RABITO, M. F. ; ALMEIDA, M. B. ; MOREIRA, A. L. ; IGLESIAS, A. H. ; de PAULA, F. C. C. R. ; SILVA, B. P. ; CORTEZ, D. A. ; NIXDORF, S. L. ; FERREIRA, I. C. P. . Development and Validation of a Method for Simultaneous Determination of Bioactive Compounds of Tanacetum parthenium (L.) Schultz-Bip. Journal of the Brazilian Chemical Society (Impresso) , v. 00, p. 1-8, 2014.

  • ALEXANDRINO, T. D. ; ALMEIDA, M. B. ; RABITO, M. F. ; MADEIRA, T. B. ; ACQUARO JR, V. R. ; NIXDORF, S. L. ; NERY, M.M.F. . DESENVOLVIMENTO E VALIDAÇÃO DE MÉTODO ESPECTROFOTOMÉTRICO PARA DETERMINAÇÃO QUANTITATIVA DO ANTIRRETROVIRAL TENOFOVIR. Visão Acadêmica (Online) , v. 15, p. 87-97, 2014.

  • RABITO, M. F. ; BRITTA, E. A. ; PELEGRINI, B. L. ; SCARIOT, D. ; ALMEIDA, M. B. ; NIXDORF, S. L. ; NAKAMURA, C. ; FERREIRA, I. C. P. . In vitro and in vivo antileishmania activity of sesquiterpene lactone-rich dichloromethane fraction obtained from Tanacetum parthenium (L.) Schultz-Bip. Experimental Parasitology , p. 18-23, 2014.

  • MACRI, J. A. ; SILVA, S. S. ; MIRANDA, M. M. ; KAWAKAMI, N. Y. ; HAYASHIDA, T. H. ; MADEIRA, T. B. ; NIXDORF, S. L. ; ACQUARO JUNIOR, V. R. ; AMBROSIO, S. R. ; VERRI JUNIOR, W. A. ; CECCHINI, R. ; COSTA, I. C. ; ARAKAWA, N. S. ; PAVANELLI, W. R. . Immunomodulatory and Antioxidant Properties of Kaurenoic Acid on Macrophages of BALB/c in Vitro . American Journal of Immunology , v. 10, p. 183-188, 2014.

  • MARCUCCI, C. T. ; ALMEIDA, M. B. ; NIXDORF, S. L. ; BENASSI, Marta de Toledo . Teores de trigonelina, ácido 5-cafeoilquínico, cafeína e melanoidinas em cafés solúveis comerciais brasileiros. Química Nova (Impresso) , v. 36, p. 544-548, 2013.

  • ACQUARO JR, V. R. ; MADEIRA, T. B. ; CASTILHO, D. C. ; WATANABE, L. S. ; BOVOLENTA, Y. R. ; NIXDORF, S. L. . Desenvolvimento e validação de método para extração e ­quantificação através de HPLC com índice de refração para ­lactose em leite pasteurizado. Scientia Chromatographica , v. 5, p. 137-145, 2013.

  • GORLA, F. A. ; SANCHES, J. G. ; FELÏCIO, A. L. S. M. ; Suzana L. Nixdorf . Avaliação do Emprego da Técnica NIRS para a Determinação de Cafeína em Café Solúvel. UNOPAR Científica. Ciências Exatas e Tecnológicas , v. 12, p. 45-49, 2013.

  • DOMINGUES, DIEGO S. ; PAULI, ELIS D. ; DE ABREU, JULIA E.M. ; MASSURA, FRANCYS W. ; CRISTIANO, VALDERI ; SANTOS, MARIA J. ; Nixdorf, Suzana L. . Detection of roasted and ground coffee adulteration by HPLC by amperometric and by post-column derivatization UV-Vis detection. Food Chemistry , v. 146, p. 353-362, 2013.

  • DOMINGUES, D. S. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; TAKAHASHI, H. W. ; NIXDORF, S. L. . Automated system developed to control pH and concentration of nutrient solution evaluated in hydroponic lettuce production. Computers and Electronics in Agriculture , v. 84, p. 53-61, 2012.

  • GIOLO, MARCEL PADOVANI ; OLIVEIRA, CHRISTIANE MINERVINO DE ; BERTOLINI, DENNIS ARMANDO ; LONARDONI, MARIA VALDRINEZ CAMPANA ; GOUVEIA, MATHEUS SAMPAIO ; NETTO, DAISY PONTES ; Nixdorf, Suzana Lucy ; MACHINSKI JUNIOR, Miguel . Aflatoxin M1 in the urine of non-carriers and chronic carriers of hepatitis B virus in Maringa, Brazil. Brazilian Journal of Pharmaceutical Sciences (Impresso) , v. 48, p. 447-452, 2012.

  • PAULI, Elis Daiane ; CRISTIANO, V. ; NIXDORF, S. L. . Método para determinação de carboidratos empregado na triagem de adulterações em café. Química Nova (Impresso) , v. 34, p. 689-694, 2011.

  • Nixdorf, Suzana Lucy ; HERMOSÍN-GUTIÉRREZ, Isidro . Brazilian red wines made from the hybrid grape cultivar Isabel: Phenolic composition and antioxidant capacity. Analytica Chimica Acta (Print) , v. 659, p. 208-215, 2010.

  • CARNEIRO, J. L. do V. ; NIXDORF, S. L. ; Mantovani, Mário Sérgio ; Silva do Amaral Herrera, Ana Cristina ; Aoki, Mateus Nobrega ; Amarante, Marla Karine ; FABRIS, B. A. ; Pelegrinelli Fungaro, Maria Helena ; Ehara Watanabe, Maria Angelica . Plasma malondialdehyde levels and CXCR4 expression in peripheral blood cells of breast cancer patients. Journal of Cancer Research Clinical Oncology , v. 22, p. 1-7, 2009.

  • GARCIA, Livia Maria Zambrozi ; PAULI, Elis Daiane ; CRISTIANO, V. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; SCARMÍNIO, Ieda Spacino ; Nixdorf, Suzana L. . Chemometric Evaluation of Adulteration Profile in Coffee Due to Corn and Husk by Determining Carbohydrates Using HPAEC-PAD. Journal of Chromatographic Science , v. 47, p. 825-832, 2009.

  • SOUZA, N. E. ; NIXDORF, S. L. ; MATSUSHITA, M. . COLESTEROL EM REFEIÇÕES COMERCIAIS CONSUMIDAS NA CIDADE DE LONDRINA (PR), BRASIL. Boletim do Centro de Pesquisa e Processamento de Alimentos (Online) , v. 15, p. 149-158, 2009.

  • SANTANA, M. B. ; MANDARINO, M. G. ; CARDOSO, J. R. ; DICHI, I. ; DICHI, J. B. ; CAMARGO, A. I. ; FABRIS, B. A. ; RODRIGUES, ; FATEL, E. S. ; NIXDORF, S. L. ; SIMAO, A. C. ; CECCHINI, R. ; BARBOSA, D. S. . Association Between soy and Green Tea (Camellia sinensis) diminishes hypercholesterolemia and increases total plasmatic antioxidant potential in dyslipidemic subjects. Nutrition (Burbank, Los Angeles County, Calif.) , v. 24, p. 562-568, 2008.

  • Coutinho, Cláudia F. B. ; Coutinho, Lincoln F. M. ; NIXDORF, S. L. ; Mazo, Luiz H. . Development of instrumentation for amperometric and coulometric detection using ultramicroelectrodes. Journal of the Brazilian Chemical Society , v. 19, p. 131-139, 2008.

  • COUTINHO, Cláudia Flávia Breda ; COUTINHO, Lincoln Figueira Marins ; MAZO, Luiz Henrique ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulineti da . Rapid and direct determination of glyphosate and aminomethylphosphonic acid in water using anion-exchange chromatography with coulometric detection. Journal of Chromatography , v. 1208, p. 246-249, 2008.

  • COUTINHO, Cláudia Flávia Breda ; COUTINHO, Lincoln Figueira Marins ; MAZO, Luiz Henrique ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; LANÇAS, Fernando Mauro . Direct determination of glyphosate using hydrophilic interaction chromatography with coulometric detection at copper microelectrode.. Analytica Chimica Acta , v. 592, p. 30-35, 2007.

  • SOUZA, José Roberto Pinto de ; ROCHA, Juliana Navarro ; MELO, Juliana Moura ; NIXDORF, S. L. . Ação do estresse térmico na sobrevivência de mudas e produção de camomila originadas de sementes importadas e nacionais.. Horticultura Brasileira , Brasília, v. 24, n.2, p. 233-236, 2006.

  • NIXDORF, S. L. . UV-Vis spectroscopy. In: FRANCA, Adriana S.; NOLLET, Leo. (Org.). Spectroscopic Methods in Food Analysis. 1ed.Boca Raton: CRC Press, 2017, v. I, p. 69-103.

  • NIXDORF, S. L. . Curso aborda identificação de compostos. Curso aborda identificação de compostos, Londrina, 15 ago. 2016.

  • NIXDORF, S. L. . UEL oferece curso de Espectrometria de Massas. Agencia UEL de Noticias, Londrina, 08 ago. 2016.

  • LIVORATTI, P. ; NIXDORF, S. L. . Semana de Química Temas sobre o cotidiano. Agência UEL, Londrina, 02 dez. 2015.

  • LIVORATTI, P. ; NIXDORF, S. L. . Semana de Química terá oficina de Cerveja Artesanal. Agência UEL de Notícias - Jornal Notícia, UEL, p. 4 - 4, 18 nov. 2015.

  • FIUZA, T. ; LUZ, G. M. S. ; NIXDORF, S. L. . Laboratorios da UEL debatem implantacao da norma ABNT NBR 17025. Informativo AINTEC, Londrina, p. 4 - 4, 03 nov. 2014.

  • AMARO, C. ; NIXDORF, S. L. . Trabalho da UEL é premiado no Congresso Internacional de Cromatografia. Agência UEL de Notícias -Jornal Notícia, Londrina, 16 out. 2012.

  • MENDONCA, L. ; HERMOSÍN-GUTIÉRREZ, Isidro ; NIXDORF, S. L. . Pesquisador espanhol fala sobres vinhos na UEL. Agência UEL de Notícias - Jornal Noticia, Londrina, 10 ago. 2012.

  • MENDONCA, L. ; HERMOSÍN-GUTIÉRREZ, Isidro ; NIXDORF, S. L. . Pesquisador espanhol de variedades de uvas brasileiras fala na UEL. Agência UEL de Notícias - Jornal Noticia, Londrina, 08 ago. 2012.

  • ELORZA, T. ; NIXDORF, S. L. . Café livre de impurezas. JL - Jornal de Londrina, Londrina, p. 4 - 4, 31 dez. 2011.

  • FONÇATTI, I. ; NIXDORF, S. L. . Pesquisa sobre qualidade do café é destaque no ?Caminhos do Campo?. Agência UEL de Notícias, Londrina, 02 dez. 2011.

  • AMARO, C. ; NIXDORF, S. L. . Pesquisa identifica adulterantes no café torrado e moído. Jornal Notícia ou Notícia Digital, UEL-COM-Londrina, p. 4 - 5, 03 nov. 2011.

  • FONÇATTI, I. ; NIXDORF, S. L. . Professora faz palestra no II Seminário Mercosul de Bebidas. Agência UEL de Notícias, UEL-COM-Londrina, 31 out. 2011.

  • FONÇATTI, I. ; BELOTI, V. ; NIXDORF, S. L. . UEL ofereceu treinamento em HPLC. Agência UEL de Notícias, Londrina, 10 out. 2011.

  • LEMES, Francismar ; NIXDORF, S. L. . Em busca da eterna juventude. Jornal de Londrina, Londrina, p. 6 - 6, 18 jul. 2011.

  • CHIBA, M. F. ; GIANESELLA, Hélio ; NIXDORF, S. L. ; GORLA, F. A. ; GOVEIA, M. S. . MERCADO DIGITAL - Aulas mais interativas - Estigmatizado por causa de apresentações tediosas no datashow, Power Point possibilita ensino mais dinâmico, que ?prende? os alunos. Jornal Folha de Londrina, Londrina, p. 4 - 4, 02 dez. 2010.

  • UNFRIED, Rosana Reineri ; NIXDORF, S. L. ; Hirata, Tatiane . Projeto avalia qualidade dos cafés comercializados - Pesquisa destaca quais são as impurezas e qual a porcentagem existente nos cafés torrados e moídos que estão no mercado. Conexão Ciência, Ano 7 - Edição 104 - 13/09/201, 14 set. 2010.

  • UNFRIED, Rosana Reineri ; VITORETTI JR, Edson ; Hirata, Tatiane ; NIXDORF, S. L. . Variedades de café são analisadas em estudo Pesquisa avalia influência dos fungos na qualidade da bebida. Conexâo Ciência, UEL- Londrina, 13 jun. 2010.

  • NIXDORF, S. L. . Equipe da UEL visita o ITAL em Campinas. Agência UEL de Notícias, Londrina, 11 mar. 2010.

  • Nixdorf, Suzana L. . Qualidade do café exige pesquisa com metodologias precisas. Analytica Chimica Acta (Print), Londrina, p. 2 - 2, 03 mar. 2010.

  • LONNI, Audrey Alessandra Garcia ; Nixdorf, Suzana L. ; MORENO, Fernanda Regina ; DOMINGUES, D. S. . Estudantes da UEL são premiados em evento da Unopar. Agência UEL de Notícias, Londrina, p. 1 - 1, 27 out. 2009.

  • CERVANTES, A. M. ; Nixdorf, Suzana L. . Químicos participam de feira internacional. Agência UEL de Notícias, Londrina, 17 set. 2009.

  • CERVANTES, A. M. ; Nixdorf, Suzana L. . Pesquisadores utilizam férias para cursos e palestras. Agência UEL de Notícias ? Jornal Notícia, Londrina, 13 ago. 2009.

  • CERVANTES, A. M. ; NIXDORF, S. L. . Professora faz visita técnica na Europa. Agência UEL de Notícias, Londrina, 10 jul. 2009.

  • CERVANTES, A. ; NIXDORF, S. L. . Docente vai utilizar infra-estrutura de universidade espanhola - Suzana Nixdorf ficará três meses na Universidad de Castilla-La Mancha. Jornal Notícia da UEL, Londrina, 22 out. 2008.

  • CERVANTES, A. ; NIXDORF, S. L. ; SILVA, E. T. ; PALAZZI, A. J. ; BUENO, Eliana Aparecida Silicz ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . Nova Tabela Periódica vai facilitar estudos de alunos e professores. Instrumento inovador será utilizado no museu de Ciência e Tecnologia. Jornal Notícia, Londrina, , v. 1179, p. 12 - 12, 24 set. 2008.

  • CERVANTES, A. M. ; NAME, C. F. ; DINIZ, Andréa ; CAVALIN, Paola ; NIXDORF, S. L. . Os benefícios e riscos das plantas medicinais - Uso popular de plantas orienta pesquisas. Jornal Notícia da UEL, Londrina, , v. 1176, p. 4 - 5, 03 set. 2008.

  • CARVALHO, Raquel de ; TAKAHASHI, H. W. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulineti da ; ALVES, João Carlos ; DOMINGUES, D. S. ; PRAXEDIS, M. A. L. ; NIXDORF, S. L. . Hidropônicos sem resíduos - É possível / Nutrientes na medida certa - Nitrato em excesso pode causar câncer.. Folha de Londrina, Londrina - PR, , v. 17712, p. 4 - 5, 21 jun. 2008.

  • CERVANTES, A. M. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; TAKAHASHI, H. W. ; ALVES, João Carlos ; DOMINGUES, D. S. ; PRAXEDIS, M. A. L. ; NIXDORF, S. L. . Produção automatizada de alface é testada com êxito. Controle é feito a distância, por webcam, durante 24 horas por dia.. Jornal Notícia da UEL, Londrina - PR, , v. 1167, p. 12 - 12, 11 jun. 2008.

  • CERVANTES, A. M. ; NIXDORF, S. L. ; PALAZZI, A. J. ; SILVA, E. T. ; BUENO, Eliana Aparecida Silicz ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . Museu prepara Tabela Periódica ampliada interativa. Agência UEL de Notícias - Jornal Notícias, Londrina, p. 6 - 7, 12 dez. 2007.

  • CERVANTES, A. M. ; FARIAS, T. J. ; DINIZ, Andréa ; SOUZA, José Roberto Pinto de ; NIXDORF, S. L. . Plantas medicinais ampliam seu espaço na pesquisa. Jornal Notícia da UEL, Londrina, , v. 1151, p. 6 - 7, 12 dez. 2007.

  • CERVANTES, A. M. ; SANTANA, M. B. ; NIXDORF, S. L. ; BARBOSA, D. S. . Combinação perfeita... Contra o colesterol e os radicais livres, chá verde e soja. Pesquisa feita pelo professor Décio Sabatini Barbosa e pela farmacêutica Márcia Bertipaglia de Santana constata que a associação dos dois produtos baixa os níveis de colesterol e reduz a oxidação das células.. Jornal Notícia, Londrina, p. 6 - 7, 13 nov. 2007.

  • CERVANTES, A. M. ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; TAKAHASHI, H. W. ; ALVES, João Carlos ; DOMINGUES, D. S. ; PRAXEDIS, M. A. L. . Produção de alface hidropônica pode ser automatizada. Pesquisa visa aumentar rendimento e qualidade para corresponder a um mercado cada vez mais exigente.. Jornal Notícia, Londrina, p. 4 - 4, 24 out. 2007.

  • CERVANTES, A. M. ; NIXDORF, S. L. ; FUNGARO, M. H. ; JORDAO, B. Q. ; PUPPATO, L. . UEL instala Central Multiusuária de Laboratórios.. Jornal Notícia da UEL, Londrina, p. 6 - 7, 29 mar. 2006.

  • NIXDORF, S. L. . Colesterol - Os encantos do arroz-feijão-carne-salada. Revista Comunidade Viva, no. 1, UEL-Londrina, , v. 1, p. 32 - 35, 21 dez. 1996.

  • NIXDORF, S. L. . ENTREVISTA: Ano Internacional da Química 365 dias Suzana Lucy Nixdorf. Sociedade Brasileira de Química- Ano Internacional da Química, Sao Paulo.

  • HIROOKA, Elisa Yoko ; BARBIN, D. F. ; SABINO, M. ; MEDICI, L. M. ; TAKABAYAHI-YAMASHITA, C. R. ; ISHIKAWA, A. T. ; MADEIRA, T. B. ; WATANABE, L. S. ; NIXDORF, S. L. . MÉTODOS DE REFERÊNCIA, MÉTODOS RÁPIDOS E MÉTODOS FUTUROS. In: CBNA-Congresso sobre Nutrição de Aves e Suínos - Micotoxinas e 30 Reunião Anual, 2016, Campinas. Anais do Evento, 2016. v. 1. p. 1-8.

  • CASTILHO, D. C. ; ALMEIDA, M. B. ; NIXDORF, S. L. . ENSAIO DE DISSOLUÇÃO PARA FUMARATO DE TENOFOVIR DESOPROXILA: DESENVOLVIMENTO E AUTOMAÇÃO. In: XXIV EAIC - Encontro Anual de Iniciação Científica, 2015, Londrina. Anais do Encontro Anual de Iniciação Científica. Londrina: Pró-reitoria de Pesquisa e Pós-graduação - PROPPG - da UEL, 2015. v. 1. p. 1-4.

  • SILVA, M. A. ; ALMEIDA, M. B. ; NIXDORF, S. L. . DETERMINAÇÃO DE TEOR DE CARBOIDRATADOS LIVRES EM FARINHA DE TRIGO. In: XXIV EAIC- Encontro Anual de Iniciação Científica, 2015, Londrina. Anais do Encontro Anual de Iniciação Científica. Londrina: Pró-reitoria de Pesquisa e Pós-graduação - PROPPG - da UEL, 2015. v. 1. p. 1-4.

  • LOPES, C. T. ; MADEIRA, T. B. ; NIXDORF, S. L. . MÉTODO PARA QUANTIFICAÇÃO DE XANTINAS EM PLASMA HUMANO E ANIMAL POR UPLC-MS/MS. In: 27o EAIC - Encontro Anual de Iniciação Científica, 2018, Londrina. ANAIS DO ENCONTRO ANUAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA UEL. Londrina: |Edule, 2018. v. 1. p. 51-54.

  • GARCIA, F. ; WATANABE, L. S. ; NIXDORF, S. L. . VIABILIDADE DA UTILIZAÇÃO DA ANÁLISE POR IMAGEM DIGITAL VIA SMARTPHONE NA DETECÇÃO DE FORMOL EM LEITES BOVINOS. In: 27o EAIC- Encontrol Anual de Iniciação Científica, 2018, Londrina. ANAIS DO ENCONTRO ANUAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA UEL. Londrina: Eduel, 2018. v. 1. p. 47-50.

  • ISHIKAWA. R. L. ; ALMEIDA, M. B. ; NIXDORF, S. L. . DETERMINAÇÃO DE CAFEÍNA E PARAXANTINA POR LC-MS/MS COMO MARCADORES DE POLUIÇÃO AMBIENTAL EM ÁGUAS SUPERFICIAIS. In: 27o EAIC - Encontro Anual de Iniciação Científica, 2018, Londrina. ANAIS DO ENCONTRO ANUAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA UEL. Londrina: Eduel, 2018. v. 1. p. 243-246.

  • VALENTE, L. J. ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . MÉTODOS CROMATOGRÁFICO E ESPECTROFOTOMÉTRICO PARA QUANTIFICAÇÃO DE ESOMEPRAZOL EMPREGADO NO TRATAMENTO DE REFLUXO GASTROESOFÁGICO. In: 27o EAIC - Encontro Anual de Iniciação Científica, 2018, Londrina. ANAIS DO ENCONTRO ANUAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA UEL. Londrina: Eduel, 2018. v. 1. p. 321-324.

  • LOPES, C. T. ; WATANABE, L. S. ; MADEIRA, T. B. ; DE PAULA, J. L. R. ; SILVA, M. P. A. ; VALENTE, L.J. ; NIXDORF, S. L. . POTENCIAL PARA DETECÇÃO DA MISTURA DE ÓLEO DE SOJA EM AZEITE DE OLIVA POR ESPECTROSCOPIA NO INFRAVERMELHO PRÓXIMO (NIR). In: 5o Analítica Latin America, 2017, Londrina. RESUMOS DOS TRABALHOS CIENTÍFICOS. Sao Paulo, 2017. v. 1. p. 1-2.

  • BARBOSA, A. P. ; WATANABE, L. S. ; DE PAULA, J. L. R. ; MADEIRA, T. B. ; FURLAN, F. F. ; NIXDORF, S. L. . VIABILIDADE NA DETERMINAÇÃO DE HORMÔNIOS VEGETAIS EM BIORREGULADORES CORMERCIAIS POR HPLC-PDA.. In: 5o Congresso Analitica Latin America, 2017, Sao Paulo. RESUMOS DOS TRABALHOS CIENTÍFICOS. Sao Paulo, 2017. v. 1. p. 1-3.

  • WATANABE, L. S. ; CORREA, A. C. ; OLIVEIRA, L. L. G. ; RUIZ, R. M. ; BOVOLENTA, Y. R. ; BELOTI, V. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . DETECÇÃO DE PERÓXIDO DE HIDROGÊNIO EM LEITE POR ANÁLISE DE IMAGEM DIGITAL. In: 5o Congresso Analitica Latin America, 2017, Sao Paulo. RESUMOS DOS TRABALHOS CIENTÍFICOS. Sao Paulo, 2017. v. 1. p. 1-2.

  • MADEIRA, T. B. ; WATANABE, L. S. ; DE PAULA, J. L. R. ; MAZALLI, A.V.G. ; HIROOKA, Elisa Yoko ; CARRILHO, E. ; NIXDORF, S. L. . MÉTODO SENSÍVEL E RÁPIDO PARA QUANTIFICAÇÃO SIMULTÂNEA DE XANTINAS EM PLASMA HUMANO E ANIMAL POR CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ULTRA-ALTA EFICIENCIA ACOPLADA A ESPECTROMETRIA DE MASSAS. In: 5o Congresso Analitica Latin America, 2017, Sao Paulo. RESUMOS DOS TRABALHOS CIENTÍFICOS. Sao Paulo, 2017. v. 1. p. 1-2.

  • WATANABE, L. S. ; CORREA, A. C. ; OLIVEIRA, L. L. G. ; RUIZ, R. M. ; BERTOZZI, J. ; NIXDORF, S. L. ; ALVES, João Carlos ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . DESENVOLVIMENTO DE UM SISTEMA DE ANÁLISE POR INJEÇÃO SEQUENCIAL (SIA) APLICADO A DETERMINAÇÃO DE ALUMÍNIO. In: 5o Congresso Analitica Latin America, 2017, Sao Paulo. RESUMOS DOS TRABALHOS CIENTÍFICOS. Sao Paulo, 2017. v. 1. p. 1-2.

  • DE PAULA, J. L. R. ; WATANABE, L. S. ; MADEIRA, T. B. ; LOPES, C. T. ; NIXDORF, S. L. . VIABILIDADE DO USO DO NIR PARA ANÁLISE RÁPIDA DA PROPORÇÃO DE ACETATO DE ETILA EM MISTURA BINÁRIA COM ETANOL. In: 5o Congresso Analitica Latin America, 2017, Sao Paulo. RESUMOS DOS TRABALHOS CIENTÍFICOS. Sao Paulo, 2017. v. 1. p. 1-3.

  • ALMEIDA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; WATANABE, L. S. ; CARRILHO, E. ; NIXDORF, S. L. . ANÁLISE MULTIRESÍDUOS DE CONTAMINANTES AGROINDUSTRIAIS EM ÁGUAS SUPERFICIAS POR UHPLC-MS/MS. In: 5o Congresso Analitica Latin America, 2017, Sao Paulo. RESUMOS DOS TRABALHOS CIENTÍFICOS. Sao Paulo, 2017. v. 1. p. 1-2.

  • SILVA, G. L. ; MADEIRA, T. B. ; NIXDORF, S. L. ; ZERAIK, M.L. . DESENVOLVIMENTO DE MÉTODO CROMATOGRÁFICO PARA ANÁLISE DE TEORES DE CAFEÍNA E TRIGONELINA DE CAFÉS TORRADO E MOÍDO COMERCIAIS. In: 5o Congresso Analitica Latin America, 2017, Sao Paulo. RESUMOS DOS TRABALHOS CIENTÍFICOS. Sao Paulo, 2017. v. 1. p. 1-2.

  • CHRYSSAFIDIS, A. L. ; LOPES, C. T. ; De SOUZA, B. H. ; WEIGERT, V. A. S. ; WATANABE, L. S. ; MADEIRA, T. B. ; NIXDORF, S. L. . MÉTODO CROMATOGRÁFICO PARA DETERMINAÇÃO MULTIRRESIDUAL DE CARBAMATOS EM AMOSTRAS BIOLÓGICAS DE ANIMAIS INTOXICADOS. In: 5o Congresso Analítica Latin America, 2017, Sao Paulo. RESUMOS DOS TRABALHOS CIENTÍFICOS. Sao Paulo, 2017. v. 1. p. 1-2.

  • CORREA, A. C. ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . Desenvolvimento e aplicação de um sistema de análise por injeção em fluxo automatizado controlado por placa Arduino para testes de dissolução de fumarato de tenofovir desoproxila. In: XXV EAIC UEL - Encontro Anual de Iniciação Científica, 2016, Londrina. Anais, 2016. v. 1. p. 1-4.

  • VALENTE, L. J. ; ALMEIDA, M. B. ; NIXDORF, S. L. . NÍVEIS DE OXIDAÇÃO LIPÍDICA OBSERVADOS EM PACIENTES SADIOS E DIAGNOSTICADOS COM LEUCEMIA LINFOBLÁSTICA AGUDA. In: XXV EAIC UEL - Encontro Anual de Iniciação Científica, 2016, Londrina. Anais, 2016. v. 1. p. 1-1.

  • SILVA, M. P. A. ; ALMEIDA, M. B. ; NIXDORF, S. L. . AVALIAÇÃO DE CAFEÍNA COMO MARCADOR QUÍMICO PARA O CONTROLE DE QUALIDADE DE CAFÉS TORRADO E MOÍDOS COMERCIAIS EMPREGANDO CROMATOGRAFIA DE ULTRA ALTA EFICIÊNCIA. In: XXV EAIC UEL - Encontro Anual de Iniciação Científica, 2016, Londrina. Anais, 2016. v. 1. p. 1-4.

  • SILVA, G. L. ; ALMEIDA, M. B. ; NIXDORF, S. L. . COMPARAÇÃO DE MÉTODOS PARA ANÁLISE DE ESTRESSE OXIDATIVO EM AMOSTRAS PLASMÁTICAS. In: XXV EAIC UEL - Encontro Anual de Iniciação Científica, 2016, Londrina. Anais, 2016. v. 1. p. 1-4.

  • DE PAULA, J. L. R. ; REIS, A. E.S. ; SILVA, M. A. ; ALMEIDA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; Suzana Lucy Nixdorf . INFLUÊNCIA DOS CARBOIDRATOS TOTAIS DETERMINADOS POR HPLC-HPAE-PAD NA QUALIDADE DOS CAFÉS TORRADO E MOÍDO COMERCIAIS. In: VI EAITI UEL - Encontro Anual de Iniciação Tecnológica e Inovação, 2016, Londrina. Anais, 2016. v. 1. p. 1-4.

  • LOPES, C. T. ; MADEIRA, T. B. ; Nixdorf, Suzana Lucy . COMPOSIÇÃO DE CARBOIDRATOS DETERMINADOS POR HPLC-HPAE-PAD PERMITINDO TRAÇAR UM PANORAMA DE QUALIDADE DO MER-CADO DE CAFÉS TORRADO E MOÍDO. In: XXV EAIC - Encontro Anual de Iniciação Científica, 2016, Londrina. Anais, 2016. v. 1. p. 1-4.

  • MADEIRA, T. B. ; WATANABE, L. S. ; BOVOLENTA, Y. R. ; NIXDORF, S. L. . ESPECTROSCOPIA DE INFRAVERMELHO PRÓXIMO E QUIMIOMETRIA: POTENCIAL PARA CONTROLE DE QUALIDADE DE CAFES. In: IX Simpósio de Pesquisa dos Cafés do Brasil, 2015, Curitiba. Anais do IX Simpósio de Pesquisa dos Cafés do Brasil (2015), 2015. v. 1. p. 1-6.

  • WATANABE, L. S. ; BOVOLENTA, YURI RENAN ; OLIVEIRA, L. L. G. ; BELOTI, V. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . DETECCAO DE FORMOL EM LEITE POR SCANNER. In: 4o Congresso Analitica Latin America, 2015, São Paulo. Pendrive de Resumos, 2015. v. 1. p. 20-21.

  • MADEIRA, T. B. ; WATANABE, L. S. ; CASTILHO, D. C. ; SILVA, G. L. ; BOVOLENTA, YURI RENAN ; NIXDORF, S. L. . POTENCIAL APLICAÇÃO DA CONCENTRAÇÃO DE CARBOIDRATOS TOTAIS NA DIFERENCIAÇÃO DE CAFÉ ARÁBICA E ROBUSTA. In: 4º Congresso Analitica Latin America, 2015, São Paulo. Pendrive de Resumos, 2015. v. 1. p. 88-89.

  • BOVOLENTA, YURI RENAN ; YAMAMOTO, LILIAN YUKARI ; WATANABE, L. S. ; MADEIRA, T. B. ; HERMOSÍN-GUTIÉRREZ, Isidro ; NIXDORF, S. L. . ANTOCIANINAS DAS CASCAS DE UVA. In: 4º Congresso Analitica Latin America, 2015, São Paulo. Pendrive de Resumos, 2015. v. 1. p. 58-59.

  • RUFINO, J. V. ; MADEIRA, T. B. ; SILVA, F. C. Q. ; TROMBETA, F. B. ; ALMEIDA, M. B. ; NERY, M.M.F. ; NIXDORF, S. L. . VALIDAÇÃO DE MÉTODO PARA QUANTIFICAÇÃO DE ESOMEPRAZOL POR HPLC. In: 4º Congresso Analitica Latin America, 2015, São Paulo. Pendrive de Resumos, 2015. v. 1. p. 93-94.

  • BRAGA, G. C. ; MADEIRA, T. B. ; BOVOLENTA, Y. R. ; WATANABE, L. S. ; NIXDORF, S. L. . MÉTODO VALIDADO PARA DETERMINAÇÃO SIMULTÂNEA DE C-GLICOSILFLAVONAS DE Passiflora edulis E P. alata POR HPLC/PDA Gilberto. In: 4º Congresso Analitica Latin America, 2015, São Paulo. Pendrive de Resumos, 2015. v. 1. p. 34-35.

  • RUIZ, R. M. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . UTILIZAÇÃO DO MÉTODO FOLIN-CIOCALTEAU NA ANÁLISE DE IMAGENS DIGITAIS POR SCANNER PARA DETERMINAÇÃO DE POLIFENÓIS TOTAIS. In: 4º Congresso Analitica Latin America, 2015, São Paulo. Pendrive de Resumos, 2015. v. 1. p. 41-42.

  • SILVA, M. A. ; NAKAHARA, T. T. ; Marques, L. A. ; ALMEIDA, M. B. ; NIXDORF, S. L. . TEOR DE CARBOIDRATOS LIVRES EM FARINHA DE TRIGO INTEGRAL. In: 4º Congresso Analitica Latin America, 2015, São Paulo. Pendrive de Resumos, 2015. v. 1. p. 91-92.

  • CORREA, A. C. ; OLIVEIRA, L. L. G. ; BERTOZZI, J. ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . DESENVOLVIMENTO E VALIDAÇÃO DE UM SISTEMA DE INJEÇÃO EM FLUXO AUTOMATIZADO APLICADO A DETERMINAÇÃO DE NITRATO EM ÁGUAS. In: 4º Congresso Analitica Latin America, 2015, São Paulo. Pendrive de Resumos, 2015. v. 1. p. 111-112.

  • LOPES, C. T. ; MADEIRA, T. B. ; NIXDORF, S. L. . COMPOSIÇÃO DE CARBOIDRATOS DETERMINADOS POR HPLC-HPAE-PAD PERMITINDO TRAÇAR UM PANORAMA DE QUALIDADE DO MERCADO DE CAFÉS TORRADO E MOÍDO. In: XXV EAIC UEL - Encontro Anual de Iniciação Científica, 2015, Londrina. Anais, 2016. v. 1. p. 1-4.

  • CASTILHO, D. C. ; ACQUARO JUNIOR, V. R. ; NIXDORF, S. L. . OTIMIZAÇÃO DA EXTRAÇÃO E QUANTIFICAÇÃO DE LACTOSE NO LEITE PASTEURIZADO EMPREGANDO HPLC. In: 23º EAIC - XXIII Encontro Anual de Iniciacao Cientifica, 2014, Londrina. Anais, 2014. v. 1. p. 1-4.

  • SOUZA, D. C. ; ALMEIDA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; ACQUARO JUNIOR, V. R. ; Marques, L. A. ; NIXDORF, S. L. . DESENVOLVIMENTO DE MÉTODO PARA DETERMINAÇÃO DE TEOR DE FUMARATO DE TENOFOVIR DESOPROXILA EM MATÉRIA-PRIMA E COMPRIMIDO EMPREGANDO HPLC. In: 23º EAIC - XXIII Encontro Anual de Iniciacao Cientifica, 2014, Londrina. Anais, 2014. v. 1. p. 1-4.

  • ROCHA, L. R. ; CONSTANTINO, L. V. ; SILVA, A. A. R. ; YABE, M.J.S. ; NIXDORF, S. L. . CARACTERIZAçãO FíSICA E QUíMICA DE ARGILOMINERAIS PARA CONFECçãO DE DISPOSITIVOS CONCENTRADORES DE PASSIVOS AMBIENTAIS. In: 4o EAITI, 2014, Guarapuava. Anais, 2014. v. 1. p. 1-4.

  • CONSTANTINO, L. V. ; MADEIRA, T. B. ; ALMEIDA, M. B. ; ACQUARO JUNIOR, V. R. ; HIROOKA, Elisa Yoko ; NIXDORF, S. L. . Comparison of extraction methods for free sugar analysis in green coffee. In: ExTech 2013- 15th International Symposium on Advances in Extraction Technologies, 2013, Joao Pessoa. Book of Abstract, 2013. v. 1. p. 1-2.

  • ALMEIDA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; ALEXANDRINO, T. D. ; ACQUARO JR, V. R. ; NIXDORF, S. L. . Extraction methods for oxidative stress marker ? Malondialdehyde in plasmatic samples. In: ExTech 2013- 15th International Symposium on Advances in Extraction Technologies, 2013, Joao Pessoa. Book of Abstract, 2013. v. 1. p. 1-2.

  • MADEIRA, T. B. ; CHENDYNSKI, L. T. ; ALMEIDA, M. B. ; ACQUARO JR, V. R. ; NIXDORF, S. L. . Optimized conditions for carbohydrates hydrolysis of the wholemeal flour analyzed by high performance liquid chromatography with electrochemical detection. In: ExTech 2013- 15th International Symposium on Advances in Extraction Technologies, 2013, Joao Pessoa. Book of Abstract, 2013. v. 1. p. 1-2.

  • ACQUARO JUNIOR, V. R. ; CASTILHO, D. C. ; DA SILVA, L. L. ; SCUPINARI, T. ; MADEIRA, T. B. ; ALMEIDA, M. B. ; BELOTI, V. ; NIXDORF, S. L. . Optimization study of lactose extraction from pasteurized milk quantified by high performance liquid chromatography with refractive index. In: ExTech 2013- 15th International Symposium on Advances in Extraction Technologies, 2013, Joao Pessoa. Book of Abstract, 2013. v. 1. p. 1-2.

  • CASTILHO, D. C. ; CONSTANTINO, L. V. ; NIXDORF, S. L. . AVALIAÇÃO COMPARATIVA DE MÉTODO DE EXTRAÇÃO POR MICROONDAS E AGITAÇÃO ORBITAL PARA AÇÚCARES LIVRES EM CAFÉ VERDE DETERMINADOS POR HPLC. In: XXII EAIC- Encontro Anual de Iniciação Científica e III EATI ? Encontro Anual de Iniciação Tecnológica e Inovação, 2013, Foz do Iguaçu. ANAIS DO 22oEAIC/3oEAITI/ ISSN-1676-0018. Foz do Iguaçu: UNICENTRO, 2013. v. 1. p. 1-4.

  • ALEXANDRINO, T. D. ; NERY, M.M.F. ; NIXDORF, S. L. . DESENVOLVIMENTO E VALIDAÇÃO DE MÉTODO PARA DETERMINAÇÃO ANALÍTICA DE FUMARATO DE TENOFOVIR DESOPROXILA POR ESPECTROFOTOMETRIA DIRETA NO UV. In: XXII EAIC- Encontro Anual de Iniciação Científica e III EATI ? Encontro Anual de Iniciação Tecnológica e Inovação, 2013, Foz do Iguaçu. ANAIS DO 22oEAIC/3oEAITI/ ISSN-1676-0018. Foz do Iguaçu: UNICENTRO, 2013. v. 1. p. 1-4.

  • DA SILVA, L. L. ; NIXDORF, S. L. . MODELAGEM DE SORÇÃO E DESSORÇÃO DE Se(IV) E Se(VI) EM ARGILA TAMARANA VERDE. In: XXII EAIC- Encontro Anual de Iniciação Científica e III EATI ? Encontro Anual de Iniciação Tecnológica e Inovação, 2013, Foz do Iguaçu. ANAIS DO 22oEAIC/3oEAITI/ ISSN-1676-0018. Foz do Iguaçu: UNICENTRO, 2013. v. 1. p. 1-4.

  • CHENDYNSKI, L. T. ; MADEIRA, T. B. ; NIXDORF, S. L. . QUANTIFICAÇÃO POR HPLC-HPAEC-PAD DE CARBOIDRATOS TOTAIS EM FARINHA DE TRIGO INTEGRAL ELABORADA POR GRÃOS NO ESTÁDIO DE MATURAÇAO FISIOLÓGICA COLHIDOS COM ATRASO. In: XXII EAIC- Encontro Anual de Iniciação Científica e III EATI ? Encontro Anual de Iniciação Tecnológica e Inovação, 2013, Foz do Iguaçu. ANAIS DO 22oEAIC/3oEAITI/ ISSN-1676-0018. Foz do Iguaçu: UNICENTRO, 2013. v. 1. p. 1-4.

  • GOVEIA, M. S. ; ROMERO, N. ; CARVALHO, G. M. ; NIXDORF, S. L. . VALIDAÇÃO DE MÉTODO CROMATOGRÁFICO PARA QUANTIFICAÇÃO DE ÁCIDO GÁLICO EM NANOPARTÍCULA DE AMIDO ACETILADO. In: XXII EAIC- Encontro Anual de Iniciação Científica e III EATI ? Encontro Anual de Iniciação Tecnológica e Inovação, 2013, Foz do Iguaçu. ANAIS DO 22oEAIC/3oEAITI/ ISSN-1676-0018. Foz do Iguaçu: UNICENTRO, 2013. v. 1. p. 1-4.

  • Marques, L. A. ; ALMEIDA, M. B. ; NIXDORF, S. L. . AVALIAÇÃO DA EXTRAÇÃO EM BARRA DE AGITAÇÃO SORTIVA DE FLUOXETINA EM PLASMA HUMANO ENRIQUECIDO POR HPLC UV/VIS. In: XXII EAIC- Encontro Anual de Iniciação Científica e III EATI ? Encontro Anual de Iniciação Tecnológica e Inovação, 2013, Foz do Iguaçu. ANAIS DO 22oEAIC/3oEAITI/ ISSN-1676-0018. Foz do Iguaçu: UNICENTRO, 2013. v. 1. p. 1-4.

  • SOUZA, M. ; HAYASHIDA, T. H. ; ACQUARO JUNIOR, V. R. ; CASAGRANDE, R. ; MACEDO JR., F. ; AMBRÓSIO, S. R. ; NIXDORF, S. L. ; ARAKAWA, N. S. . OBTENÇÃO DE FRAÇÃO PADRONIZADA RICA DE ÁCIDO CAURENÓICO A PARTIR DE SPHAGNETICOLA TRILOBATA PRUSKI (ASTERACEAE). In: XXII EAIC- Encontro Anual de Iniciação Científica e III EATI ? Encontro Anual de Iniciação Tecnológica e Inovação, 2013, Foz do Iguaçu. ANAIS DO 22oEAIC/3oEAITI/ ISSN-1676-0018. Foz do Iguaçu: UNICENTRO, 2013. v. 1. p. 1-4.

  • CORREA, A. C. ; NERY, M.M.F. ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . IMPLANTAÇÃO E VALIDAÇÃO DE UM SISTEMA DE INJEÇÃO EM FLUXO APLICADO A DETERMINAÇÃO DE FUMARATO DE TENOFOVIR DESOPROXILA EM MATÉRIA-PRIMA E FORMAS FARMACEUTICAS.. In: 22° Encontro Anual de Iniciação Científica - 22° EAIC e 3° Encontro Anual de Iniciação Tecnológica e Inovação - 3° EAITI, 2013, Foz do Iguaçu. Livro de Resumos. Foz do Iguaçu: Editora da Unioeste, 2013. v. 1. p. 1-4.

  • CALDAS, B. S. ; da SILVA, C. G. A. ; CONSTANTINO, L. V. ; NIXDORF, S. L. . CROMATOGRAFIA LÍQUIDA X REFRATÔMETRIA: COMPARAÇÃO DE TÉCNICAS PARA DETERMINAÇÃO DE AÇÚCARES SOLÚVEIS EM SUCO DE UVA INTEGRAL E NÉCTARES DE UVA. In: 21.o EAIC - Encontro Anual de Iniciação Científica 2.o EAITI - Encontro Anual de Iniciação Tecnológica e Inovação, 2012, Maringá. ANAIS DO 21º EAIC / 2º EAITI. Maringá: ISSN - 1676-0018, 2012. v. 1. p. 3048.

  • SILVA, C. H. G. A. ; CONSTANTINO, L. V. ; NIXDORF, S. L. . QUÍMICA VERDE: MÉTODOS DE EXTRAÇÃO DE CARBOIDRATOS SOLÚVEIS DO CAFÉ VERDE EM ÁGUA POR MICROONDAS E AGITAÇÃO ORBITAL. In: 21.o EAIC - Encontro Anual de Iniciação Científica 2.o EAITI - Encontro Anual de Iniciação Tecnológica e Inovação, 2012, Maringá. Encontro Anual de Iniciação Científica ... Encontro de Pesquisa da UEPG (CD-Rom), 2012. v. 1. p. 1-4.

  • CONSTANTINO, L. V. ; CALDAS, B. S. ; SILVA, C. H. G. A. ; NIXDORF, S. L. . ESPECTROFOTOMETRIA X CROMATOGRAFIA LÍQUIDA: DETERMINANDO AÇÚCARES EM SUCOS INTEGRAIS E NÉCTARES COMERCIAIS DE LARANJA. In: 21.o EAIC - Encontro Anual de Iniciação Científica 2.o EAITI - Encontro Anual de Iniciação Tecnológica e Inovação, 2012, Maringá. Encontro Anual de Iniciação Científica ... Encontro de Pesquisa da UEPG (CD-Rom), 2012. v. 1. p. 1-4.

  • GOVEIA, M. S. ; OLIVEIRA, R. L. ; CARVALHO, G. M. ; NIXDORF, S. L. . VALIDAÇÃO DE MÉTODO CROMATOGRÁFICO PARA QUANTIFICAÇÃO DE BHT EM NANOPARTÍCULA DE AMIDO ACETILADO. In: 21.o EAIC - Encontro Anual de Iniciação Científica 2.o EAITI - Encontro Anual de Iniciação Tecnológica e Inovação, 2012, Maringá. Encontro Anual de Iniciação Científica ... Encontro de Pesquisa da UEPG (CD-Rom), 2012. v. 1. p. 1-4.

  • BORTHOLAZZI, D. P. ; SILVA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; NIXDORF, S. L. . ESTUDO CENTRÓIDE SIMPLEX DE MISTURA DE ARROZ E TRIGO NÃO BENEFICIADO AO CAFÉ TORRADO E MOÍDO. In: 21.o EAIC - Encontro Anual de Iniciação Científica 2.o EAITI - Encontro Anual de Iniciação Tecnológica e Inovação, 2012, Maringá. Encontro Anual de Iniciação Científica ... Encontro de Pesquisa da UEPG (CD-Rom), 2012. v. 1. p. 1-4.

  • SOUZA, M. ; MONPIAN, K. C. ; CONSTANTINO, L. V. ; NIXDORF, S. L. . SOMOGYI-NELSON X DNS: COMPARAÇÃO DE MÉTODOS ESPECTROFOTOMÉTRICOS PARA DETERMINAÇÃO DE AÇÚCARES REDUTORES EM CAFÉS SOLÚVEIS COMERCIAIS. In: 21.o EAIC - Encontro Anual de Iniciação Científica 2.o EAITI - Encontro Anual de Iniciação Tecnológica e Inovação, 2012, Maringá. Encontro Anual de Iniciação Científica ... Encontro de Pesquisa da UEPG (CD-Rom), 2012. v. 1. p. 1-4.

  • Marques, L. A. ; CHENDYNSKI, L. T. ; SANCHES, J. G. ; ISHIKAWA, A. T. ; NIXDORF, S. L. . AVALIAÇÃO DA COR E ACIDEZ DOS VINHOS DE MESA BORDÔ ELABORADOS NO SUDOESTE E OESTE DO PARANÁ. In: 21.o EAIC - Encontro Anual de Iniciação Científica 2.o EAITI - Encontro Anual de Iniciação Tecnológica e Inovação, 2012, Maringá. Encontro Anual de Iniciação Científica ... Encontro de Pesquisa da UEPG (CD-Rom), 2012. v. 1. p. 1-4.

  • CHENDYNSKI, L. T. ; MADEIRA, T. B. ; BORTHOLAZZI, D. P. ; SILVA, M. B. ; Marques, L. A. ; NIXDORF, S. L. . QUANTIFICAÇÃO DE CARBOIDRATOS EM CAFÉ SOLÚVEL COMERCIAIS POR HPLC-HPAE-PAD. In: 21.o EAIC - Encontro Anual de Iniciação Científica 2.o EAITI - Encontro Anual de Iniciação Tecnológica e Inovação, 2012, Maringá. ANAIS DO 21º EAIC / 2º EAITI, 2012. v. 1. p. 1-4.

  • GORLA, F. A. ; SANCHES, J. G. ; FELÏCIO, A. L. S. M. ; NIXDORF, S. L. . CONSTRUÇÃO DE MODELO DE CALIBRAÇÃO PARA PREDIÇÃO DE UMIDADE EM CAFÉ SOLÚVEL EMPREGANDO NIR. In: 21.o EAIC - Encontro Anual de Iniciação Científica 2.o EAITI - Encontro Anual de Iniciação Tecnológica e Inovação, 2012, Maringá. Encontro Anual de Iniciação Científica ... Encontro de Pesquisa da UEPG (CD-Rom), 2012. v. 1. p. 1-4.

  • SANCHES, J. G. ; GORLA, F. A. ; CHENDYNSKI, L. T. ; Marques, L. A. ; NIXDORF, S. L. . DETERMINAÇÃO DA CAPACIDADE ANTIOXIDANTE DE VINHOS DE MESA PARANAENSES ELABORADOS COM A VARIEDADE BORDÔ. In: 21.o EAIC - Encontro Anual de Iniciação Científica 2.o EAITI - Encontro Anual de Iniciação Tecnológica e Inovação, 2012, Maringá. Encontro Anual de Iniciação Científica ... Encontro de Pesquisa da UEPG (CD-Rom), 2012. v. 1. p. 1-4.

  • GOVEIA, M. S. ; NIXDORF, S. L. . QUANTIFICAÇÃO DE MDA EM PLASMA HUMANO EM PACIENTES PORTADORES DE LEISHMANIOSE POR CROMATOGRAFIA LÍQUIDA COM ARRANJO DE DIODOS. In: XX EAIC - Encontro Anual de Iniciação Científica, 2011, Ponta Grossa. Encontro Anual de Iniciação Científica ... Encontro de Pesquisa da UEPG (CD-Rom). Ponta Grossa: Editora da UEPG, 2011. v. 1. p. 1-4.

  • SCHEEL, P. C. ; GOVEIA, M. S. ; NIXDORF, S. L. . QUANTIFICAÇÃO POR HPLC-PDA DO BIOMARCADOR PLASMÁTICO MALONDIALDEÍDO EM PACIENTES LEUCÊMICOS. In: XX EAIC - Encontro Anual de Iniciação Científica, 2011, Ponta Grossa. Encontro Anual de Iniciação Científica ... Encontro de Pesquisa da UEPG (CD-Rom). Ponta Grossa: Editora da UEPG, 2011. v. 1. p. 1-4.

  • CHENDYNSKI, L. T. ; Marques, L. A. ; SANCHES, J. G. ; NIXDORF, S. L. . APLICAÇÃO DE NIR COMERCIAL PARA AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO DE MEDIÇÃO DE UMIDADE E COMPARAÇÃO COM MÉTODOS CLÁSSICOS. In: XX EAIC - Encontro Anual de Iniciação Científica, 2011, Ponta Grossa. Encontro Anual de Iniciação Científica ... Encontro de Pesquisa da UEPG (CD-Rom). Ponta Grossa: Editora da UEPG, 2011. v. 1. p. 1-4.

  • GORLA, F. A. ; SANCHES, J. G. ; Marques, L. A. ; NIXDORF, S. L. . DETERMINAÇÃO DE CAFEÍNA EM CAFÉ SOLÚVEL: UMA COMPARAÇÃO ENTRE TÉCNICAS. In: XX EAIC - Encontro Anual de Iniciação Científica, 2011, Ponta Grossa. Encontro Anual de Iniciação Científica ... Encontro de Pesquisa da UEPG (CD-Rom). Ponta Grossa: Editora da UEPG, 2011. v. 1. p. 1-4.

  • ABREU, Julia Estéfane Martins de ; MASSURA, Francys Wiliam ; SANCHES, J. G. ; DOMINGUES, D. S. ; PAULI, Elis Daiane ; NIXDORF, S. L. . CARACTERIZAÇÃO E DISTINÇÃO DAS MATRIZES DE AÇAÍ E TRITICALE NA ADULTERAÇÃO DE CAFÉ. In: XX EAIC - Encontro Anual de Iniciação Científica, 2011, Ponta Grossa. Encontro Anual de Iniciação Científica ... Encontro de Pesquisa da UEPG (CD-Rom). Ponta Grossa: Editora da UEPG, 2011. v. 1. p. 1-4.

  • CALDAS, B. S. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . AVALIAÇÃO DA EFICIÊNCIA DO TRATAMENTO DE EFLUENTE PROVENIENTE DA LAVAGEM DE CARROS EMPREGANDO ELETROFLOTAÇÃO COM ELETRODOS DE FERRO E ALUMÍNIO. In: VI Encontro de Bolsistas do Programa de Apoio a Ações Afirmativas para Inclusão Social, 2011, Londrina. Livro de Resumos. Londrina: EDUEL, 2011. p. 1-4.

  • ABREU, Julia Estéfane Martins de ; MASSURA, Francys William ; SANCHES, J. G. ; DOMINGUES, D. S. ; PAULI, Elis Daiane ; NIXDORF, S. L. . AVALIAÇÃO DE QUALIDADE DO CAFÉ TORRADO E MOÍDO COM DISTINÇÃO DE ADULTERANTES POR PERFIS CROMATOGRÁFICOS. In: VI Encontro de Bolsistas do Programa de Apoio a Ações Afirmativas para Inclusão Social, 2011, Londrina. Livro de Resumos. Londrina: EDUEL, 2011. p. 1-4.

  • MAINARDI, Ana Claudia ; BEZERRA, Cristiane Nascimento ; GOVEIA, M. S. ; DINIZ, Andréa ; PAOLIELLO, Monica Maria Bastos ; NIXDORF, S. L. . DESENVOLVIMENTO E VALIDAÇÃO DE MÉTODO POR HPLC PARA DETERMINAÇÃO DO ÁCIDO DELTA-AMINOLEVULÍNICO URINÁRIO (ALA-U). In: EAIC - XIX Encontro Anual de Iniciaçao Científica, 2010, Guarapuava. ANAIS DO XIX EAIC. Guarapuava: UNICENTRO, 2010. p. 1-4.

  • BEZERRA, Cristiane Nascimento ; MAINARDI, Ana Claudia ; GOVEIA, M. S. ; PAOLIELLO, Monica Maria Bastos ; NIXDORF, S. L. ; DINIZ, Andréa . COMPARATIVO DE SISTEMA EXTRATOR PARA QUANTIFICAÇÃO DO ÁCIDO DELTA AMINOLEVULÍNICO URINÁRIO (ALA-U) POR HPLC. In: EAIC - XIX Encontro Anual de Iniciaçao Científica, 2010, Guarapuava. ANAIS DO XIX EAIC. Guarapuava: UNICENTRO, 2010. p. 1-4.

  • MASSURA, Francys Wiliam ; PAULI, Elis Daiane ; NIXDORF, S. L. . AVALIAÇÃO DE ADULTERANTES EM CAFÉS TORRADO COMERCIAIS EMPREGANDO HPLC-HPAE-PAD. In: EAIC - XIX Encontro Anual de Iniciaçao Científica, 2010, Guarapuava. ANAIS DO XIX EAIC. Guarapuava: UNICENTRO, 2010. p. 1-4.

  • ABREU, Julia Estéfane Martins de ; PAULI, Elis Daiane ; NIXDORF, S. L. . CARACTERIZAÇÃO DE ADULTERAÇÃO DE CAFÉ TORRADO POR TRIGO E MILHO PELO PERFIL DA COMPOSIÇÃO DE CARBOIDRATOS DAS MATRIZES E MISTURAS. In: EAIC - XIX Encontro Anual de Iniciaçao Científica, 2010, Guarapuava. ANAIS DO XIX EAIC. Guarapuava: UNICENTRO, 2010. p. 1-4.

  • GOVEIA, M. S. ; GORLA, F. A. ; Ehara Watanabe, Maria Angelica ; REICHE, E.M. V. ; OLIVEIRA, K. B. De ; NIXDORF, S. L. . MALONDIALDEÍDO (MDA) DETERMINADO POR HPLC EM PLASMA HUMANO DE INDIVÍDUOS PORTADORES DE LEISHMANIOSE. In: EAIC - XIX Encontro Anual de Iniciaçao Científica, 2010, Guarapuava. ANAIS DO XIX EAIC. Guarapuava: UNICENTRO, 2010. p. 1-4.

  • PEREIRA, R. F. ; GOVEIA, M. S. ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; DINIZ, Andréa . AVALIAÇÃO PRÉ-CLÍNICA DA ABSORÇÃO INTESTINAL DE FLAVONÓIDES. In: EAIC - XIX Encontro Anual de Iniciaçao Científica, 2010, Guarapuava. ANAIS DO XIX EAIC. Guarapuava: UNICENTRO, 2010.

  • GOVEIA, M. S. ; GORLA, F. A. ; WATANABE, M. A. E. ; NIXDORF, S. L. . MDA UTILIZADO COMO BIOMARCADOR DE CONTAMINAÇÃO POR LEISHMANIA. In: V Encontro de Bolsista do Programa de Apoio a Ações Afirmativas para Inclusão Social, 2010, Londrina. CD ? VEBPAAA Inclusão Social. Londrina: EDUEL, 2010. p. 1-4.

  • GOVEIA, M. S. ; GORLA, F. A. ; WATANABE, M. A. E. ; NIXDORF, S. L. . MDA UTILIZADO COMO BIOMARCADOR DE CONTAMINAÇÃO POR LEISHMANIA. In: V ENCONTRO DE BOLSISTAS DO PROGRAMA DE APOIO A AÇOES AFIRMATIVA PARA INCLUSAO SOCIAL, 2010, Londrina. Anais do V Encontro de Bolsistas do Programa de Apoio a Ações Afirmativas para Inclusão Social. Londrina: EDUEL, 2010. p. 1-4.

  • ABREU, Julia Estéfane Martins de ; PAULI, Elis Daiane ; NIXDORF, S. L. . ESTUDO DE MISTURAS DE ADULTERANTES EM CAFÉ TORRADO E MOÍDO APLICANDO PLANEJAMENTO CENTRÓIDE SIMPLEX. In: V ENCONTRO DE BOLSISTAS DO PROGRAMA DE APOIO A AÇOES AFIRMATIVA PARA INCLUSAO SOCIAL, 2010, Londrina. Anais do V Encontro de Bolsistas do Programa de Apoio a Ações Afirmativas para Inclusão Social. Londrina: EDUEL, 2010. p. 1-4.

  • SCHEEL, P. C. ; GOVEIA, M. S. ; NIXDORF, S. L. . DETERMINAÇÃO DE CHUMBO EM URINA DE TRABALHADORES POR HPLC. In: V ENCONTRO DE BOLSISTAS DO PROGRAMA DE APOIO A AÇOES AFIRMATIVA PARA INCLUSAO SOCIAL, 2010, Londrina. Anais do V Encontro de Bolsistas do Programa de Apoio a Ações Afirmativas para Inclusão Social. Londrina: EDUEL, 2010. p. 1-4.

  • BARBIERI, Franciele ; CALDAS, B. S. ; BUQUI, Gabriela Amaral ; DINIZ, Andréa ; Nixdorf, Suzana L. . COMPARAÇÃO DA LINEARIDADE EM DOIS SISTEMAS CROMATOGRÁFICOS UTILIZANDO FASE REVERSA PARA ANÁLISE DO FLAVONÓIDE VICENINA-2. In: XVIII ENCONTRO ANUAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA, 2009, Londrina. ANAIS DO XVIII EAIC. Londrina, 2009. p. 1-4.

  • PEREIRA, M. G. ; MAINARDI, Ana Claudia ; Nixdorf, Suzana L. ; DINIZ, Andréa . DESENVOLVIMENTO DE SISTEMA EXTRATOR E ANALITICO PARA QUANTIFICAÇÀO DE CAFEINA EM PLASMA. In: XVIII ENCONTRO ANUAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA, 2009, Londrina. ANAIS DO XVIII EAIC. Londrina, 2009. p. 1-4.

  • GOVEIA, M. S. ; BUQUI, Gabriela Amaral ; MARTINS, Elvis Perboni ; Nixdorf, Suzana L. . AVALIAÇÃO DA REPETIBILIDADE NO TEOR DE FLAVONÓIDE ATIVO EM DOIS LOTES DE EXTRATOS SECOS PADRONIZADOS DE Lychnophora ericoides (ARNICA-DA-SERRA). In: XVIII ENCONTRO ANUAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA, 2009, Londrina. ANAIS DO XVIII EAIC. Londrina, 2009. p. 1-4.

  • BUQUI, Gabriela Amaral ; Nixdorf, Suzana L. ; DINIZ, Andréa . PERFIL FARMACOCINÉTICO DA ABSORÇÃO INTESTINAL DO FLAVONÓIDE C-GLICOSILADO VICENINA-2 A PARTIR DE EXTRATO SECO DE LYCHNOPHORA ERICOIDES. In: XVIII ENCONTRO ANUAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA, 2009, Londrina. ANAIS DO XVIII EAIC. Londrina, 2009. p. 1-4.

  • BEZERRA, Cristiane Nascimento ; GUERONI, Juliana ; MORAES, Jaqueline Tobias de ; Nixdorf, Suzana L. ; DINIZ, Andréa . ANÁLISE COMPARATIVA ENTRE O RESÍDUO SECO DE DIFERENTES SISTEMAS SOLVENTES E O TEOR EXTRATIVO DE CUMARINA EM FOLHAS DE Mikania glomerata Sprengel (GUACO).. In: XVIII ENCONTRO ANUAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA, 2009, Londrina. ANAIS DO XVIII EAIC. Londrina, 2009. p. 1-4.

  • CAVALIN, P. B. B. ; SATO, V. A. H. ; NIXDORF, S. L. ; LOPES, N. P. ; DINIZ, Andréa ; NAME, C. F. . Avaliação da atividade antinociceptiva de extrato SECO PADRONIZADO de folhas de Lychnophora ericoides com alto teor de vicenina-2. In: XX Simpósio de Plantas Medicinais do Brasil. X Internacional Congress of Ethnopharmacology, 2008, São Paulo. Livro de Resumos, 2008.

  • SILVA, E. T. ; PALAZZI, A. J. ; GONÇALVES, Angelita A. ; BUENO, Eliana Aparecida Silicz ; CAMARA, Carlos Alberto Paulineti da ; NIXDORF, S. L. . Desenvolvimento de Tabela Periódica virtual interativa em tamanho família para ensino e pesquisa da comunidade no museu de ciência e tecnologia da UEL/LONDRINA. In: II Salão de Extensão. Encontro de alunos extensionistas, 2008, Londrina. Anais... CD ROM. Londrina: UEL, 2008. p. 1-3.

  • GOVEIA, M. S. ; SOUZA, V. R. ; BUQUI, Gabriela Amaral ; WIETCHOREK, P. J. A. G. ; DINIZ, Andréa ; CAMARA, Carlos Alberto Paulineti da ; NIXDORF, S. L. . Validação de metodologia empregando coluna convencional e monolítica C-18 para avaliação de amostras biológicas contendo extrato padronizado de lychnophora ericoides. In: III Encontro de bolsistas do programa de apoio a ações afirmativas para inclusão social, 2008, Londrina. Anais. Londrina: UEL, 2008.

  • GOVEIA, M. S. ; DINIZ, Andréa ; NIXDORF, S. L. . Comparação de métodos cromatográficos empregando coluna convencional e monolítica de fase revers para avaliação de amostras biológicas contendo flavonóide vicenina-2. In: III Encontro de bolsistas do programa de apoio a ações afirmativas para inclusão social, 2008, Londrina. Anais... CD ROM. Londrina: UEL, 2008. p. 1-4.

  • WIETCHOREK, P. J. A. G. ; DINIZ, Andréa ; NIXDORF, S. L. . Comparativo de sensibilidade empregando coluna convencional e coluna monolítica para determinação de vicenina-2. In: III Encontro de bolsistas do programa de apoio a ações afirmativas para inclusão social, 2008, Londrina. Anais... CD ROM. Londrina: UEL, 2008. p. 1-4.

  • SILVA, E. T. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulineti da ; BUENO, Eliana Aparecida Silicz ; NIXDORF, S. L. . Confecção de tabela periódica virtual interativa: banco de dados, software e hardware, para o museu de ciência e tecnologia da UEL/Londrina. In: III Encontro de bolsistas do programa de apoio a ações afirmativas para inclusão social, 2008, Londrina. Anais... CD ROM. Londrina: UEL, 2008. p. 1-4.

  • SILVA, S. C. ; DINIZ, Andréa ; NIXDORF, S. L. ; YAMASHITA, F. . Avaliação de eficiência extrativa em extratos hidroalcoólicos de guaco (Mikania glomerata Sprengel). In: 52A JORNADA FARMACÊUTICA DA UNESP, 2005, Araraquara. Anais da 52a Jornada Farmacêutica da UNESP. Araraquara: UNESP, 2005.

  • COUTINHO, Lincoln Figueira Marins ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; MAZO, Luiz Henrique ; LANÇAS, Fernando Mauro . Sistema instrumental desenvolvido para determinação de carboidratos em café utilizando HPLC-HPAE-PAD.. In: XIII SIMPÓSIO BRASILEIRO DE ELETROQUÍMICA E ELETROANALÍTICA, 2002, Araraquara. CD- ROM, 2002.

  • NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; MAZO, Luiz Henrique ; OLIVEIRA, Paulo Lauro Correa de ; LANÇAS, Fernando Mauro . Evaluation of a Novel Pulsed Amperometric Micro Detector for Carbohydrates Analysis.. In: 23RD INTERNATIONAL SYMPOSIUM ON CAPILLARY CHROMATOGRAPHY, 2000, Riva del Garda. CD-ROM - Proceedings. Riva del Garda: Palazzo dei Congressi, 2000. v. 1. p. A28.

  • PINTO, Jair Sebastião da Silva ; LANÇAS, Fernando Mauro ; NIXDORF, S. L. ; OLIVEIRA, Paulo Lauro Correa de . Quality improvement in coffee oil using accelerated solvent extraction (ASE). In: III SEMINÁRIO INTERNACIONAL SOBRE BIOTECNOLOGIA NA AGROINDÚSTRIA CAFEEIRA-III SIBAC, 1999, Londrina. III SIBAC Anais. Londrina: IAPAR, 1999. v. 1. p. 27.

  • CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. ; MAZO, Luiz Henrique ; LANÇAS, Fernando Mauro ; OLIVEIRA, Paulo Lauro Correa de . Sistema automatizado Home-made para detecção por pulso amperométrico (PAD) em HPLC com ultramicroeletrodos aplicado à determinação de carboidratos.. In: XI SIBEE - SIMPÓSIO BRASILEIRO DE ELETROQUÍMICA E ELETROANALÍTICA,, 1999, Maragogi. Anais do Simpósio, 1999. v. 1. p. 98-1001.

  • AYALA, A. H. F. ; NIXDORF, S. L. ; MADEIRA, T. B. ; LOPES, C. T. ; ALVES, DANIELA RIBEIRO ; ALMEIDA, M. B. ; SILVA, M. P. A. ; WATANABE, L. S. . NEAR INFRA-RED ESPECTROSCOPY AND CHEMOMETRICS: POTENTIAL FOR COFFEE QUALITY CONTROL. In: 41a Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Química, 2018, Foz do Iguaçú. Livro de Resumos, 2018. v. 1. p. 1-1.

  • ALVES, D. P. ; AYALA, A. H. F. ; LOPES, C. T. ; VALENTE, L. J. ; SILVA, M. P. A. ; ISHIKAWA, R. L. ; ALMEIDA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; NIXDORF, S. L. . Determinação de compostos fenólicos em vinhos comerciais por UPLC-UV. In: 41a Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Química, 2018, Foz do Iguaçú. Livro de Resumos, 2018. v. 1. p. 1-1.

  • AYALA, A. H. F. ; ALMEIDA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; MONTEIRO, Alessandra Maffei ; NIXDORF, S. L. . DESENVOLVIMENTO DE FASE MONOLITICA IN TUBE PARA ANÁLISES EM EXTRAÇÃO EM FASE SÓLIDA. In: 8o EAITI - Encontro Anual de Iniciação Tecnológica e Inovação, 2018, Maringá. Anais do Evento. Maringá: UEM, 2018. v. 1. p. 129-129.

  • ALVES, D. P. ; ALMEIDA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; NIXDORF, S. L. . DESENVOLVIMENTO DE DISPOSITIVO MAGNÉTICO PARA ANÁLISE DE COMPOSTOS POR EXTRAÇÃO SORTIVA. In: 8o EAITI - Encontro Anual de Iniciação Tecnológica e Inovação, 2018, Maringá. Anais do Evento. Maringá: UEM, 2018. v. 1. p. 1-1.

  • ALVARENGA, V. ; WATANABE, L. S. ; RUIZ, R. M. ; CORREA, A. C. ; OLIVEIRA, L. L. G. ; ALVES, João Carlos ; NIXDORF, S. L. . QUANTIFICAÇÃO POTENCIOMÉTRICA DE FLUORETO EM ÁGUAS DE ABASTECIMENTO PÚBLICO DOS 21 MUNICÍPIOS DA 17ª REGIONAL DA SAÚDE DO ESTADO DO PARANÁ POR SISTEMA FIA AUTOMATIZADO. In: 19 o Encontro Nacional de Química Analítica e 7o Congresso Iberoamericano de Química Analítica, 2018, Caldas Novas. Anais do Evento, 2018. v. 1. p. 1-1.

  • LOPES, C. T. ; RUIZ, R. M. ; CORREA, A. C. ; WATANABE, L. S. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . DESEMPENHO DE SOFTWARE E SISTEMAS ?LAB-MADE? EMPREGANDO ANÁLISE DE IMAGENS DIGITAIS NA QUANTIFICAÇÃO DE ÍONS DICROMATO. In: 19 o Encontro Nacional de Química Analítica e 7o Congresso Iberoamericano de Química Analítica, 2018, Caldas Noivas. Anais do Evento, 2018. v. 1. p. 1-1.

  • RUIZ, R. M. ; WATANABE, L. S. ; LOPES, C. T. ; COSTA, L.N. ; CORREA, A. C. ; OLIVEIRA, L. L. G. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . DETERMINAÇÃO DE POLIFENÓIS EM VINHOS POR CELULAR. In: 19 o Encontro Nacional de Química Analítica e 7o Congresso Iberoamericano de Química Analítica, 2018, Caldas Novas. Anais do Evento, 2018. v. 1. p. 1-1.

  • RUIZ, R. M. ; WATANABE, L. S. ; LOPES, C. T. ; COSTA, L.N. ; CORREA, A. C. ; OLIVEIRA, L. L. G. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . AVALIAÇÃO DE MODELOS DE CORES APLICADOS Á ANÁLISE DE IMAGEM DIGITAL COM REGRESSÃO POR MÍNIMOS QUADRADOS PARCIAIS PARA QUANTIFICAÇÃO DE FLUORETO EM ÁGUAS. In: 19 o Encontro Nacional de Química Analítica e 7o Congresso Iberoamericano de Química Analítica, 2018, Caldas Novas. Anais do Evento, 2018. v. 1. p. 1-1.

  • ALVARENGA, V. ; WATANABE, L. S. ; RUIZ, R. M. ; CORREA, A. C. ; KAMIZAKE, N. K. K. ; ALVES, João Carlos ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . DESENVOLVIMENTO DE UM SISTEMA FIA AUTOMATIZADO PARA DETERMINAÇÃO POTENCIOMÉTRICA DE FLUORETO EM ÁGUAS. In: 19 o Encontro Nacional de Química Analítica e 7o Congresso Iberoamericano de Química Analítica, 2018, Caldas Novas. Anais do Evento, 2018. v. 1. p. 1-1.

  • ISHIKAWA. R. L. ; MADEIRA, T. B. ; ALMEIDA, M. B. ; HIROOKA, Elisa Yoko ; CARRILHO, E. ; NIXDORF, S. L. . QUANTIFICAÇÃO DE MARCADORES DE ATIVIDADE ANTRÓPICA E POLUIÇÃO EM ÁGUAS SUPERFICIAIS POR LC-MS/MS. In: XXV Encontro de Química da Região Sul - SBQSul 2018 ? Química: Do conhecimento à Inovação, 2018, Londrina. Anais do Evento, 2018. v. 1.

  • AYALA, A. H. F. ; ALMEIDA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; MONTEIRO, Alessandra Maffei ; CARRILHO, E. ; NIXDORF, S. L. . AVALIAÇÃO DA CAPACIDADE EXTRATORA DE UM MONOLITO HÍBRIDO PARA ANALITOS DE DISTINTAS POLARIDADES. In: XXV Encontro de Química da Região Sul - SBQSul 2018 ? Química: Do conhecimento à Inovação, 2018, Londrina. Anais do Evento, 2018. v. 1.

  • ALVARENGA, V. ; WATANABE, L. S. ; RUIZ, R. M. ; CORREA, A. C. ; KAMIZAKE, N. K. K. ; ALVES, João Carlos ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . COMPARAÇÃO ENTRE O MÉTODO ISEF CONVENCIONAL E EM FLUXO PARA DETERMINAÇÃO POTENCIOMÉTRICA DE FLUORETO EM ÁGUAS. In: XXV Encontro de Química da Região Sul - SBQSul 2018 ? Química: Do conhecimento à Inovação, 2018, Londrina. Anais do Evento, 2018. v. 1.

  • LOPES, C. T. ; WATANABE, L. S. ; ALMEIDA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; MAGALHAES, W. B. ; RUIZ, R. M. ; AYALA, A. H. F. ; SILVA, M. P. A. ; ISHIKAWA. R. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . APLICAÇÃO DE ANÁLISE DE IMAGEM DIGITAL VIA SMARTPHONE PARA DETERMINAÇÃO DE QUININO EM ÁGUA TÔNICA. In: XXV Encontro de Química da Região Sul - SBQSul 2018 ? Química: Do conhecimento à Inovação, 2018, Londrina. Anais do Evento, 2018. v. 1.

  • RUIZ, R. M. ; WATANABE, L. S. ; CORREA, A. C. ; OLIVEIRA, L. L. G. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . TITULAÇÃO COULOMÉTRICA DE ÁCIDO ASCÓRBICO EM SUCO DE LARANJA UTILIZANDO ANÁLISE DE IMAGEM DIGITAL. In: XXV Encontro de Química da Região Sul - SBQSul 2018 ? Química: Do conhecimento à Inovação, 2018, Londrina. Anais do Evento, 2018. v. 1.

  • ALVES, D. P. ; AYALA, A. H. F. ; LOPES, C. T. ; ISHIKAWA. R. L. ; ALMEIDA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; NIXDORF, S. L. . Estudo e otimização da capacidade extratora de analitos de interesse ambiental utilizando diferentes fases de SBSE. In: XXV Encontro de Quimica da Região Sul - SBQSul 2018 Química: Do Conhecimento à Inovação, 2018, Londrina. Anais do Evento, 2018. v. 1. p. 1.

  • SOUZA, A. A. ; ALMEIDA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; WATANABE, L. S. ; DE PAULA, J. L. R. ; Meurer, E. C. ; ARAKAWA, N. S. ; MONTEIRO, Alessandra Maffei ; Marques, L. A. ; CARRILHO, E. ; NIXDORF, S. L. . Trattinnickia rhoifolia extract profile and biomarkers determined by HRGC-MS/MS and UPLC-MS/MS for leishmaniasis treatment. In: HPLC 2017 Prague - 45th International Symposium on High Performance Liquid phase Separations and Related Techniques, 2017, Praga. Abstract Book, 2017. v. 1. p. 181-182.

  • De SOUZA, B. H. ; WATANABE, L. S. ; ALMEIDA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; WEIGERT, V. A. S. ; CARRILHO, E. ; CHRYSSAFIDIS, A. L. ; NIXDORF, S. L. . Development of a simplified HPLC method for multiresidual determination of carbamate and organophosphorus in blood and liver of companion animals. In: HPLC 2017 Prague - 45th International Symposium on High Perfortmance Liquid Phase Separations and Related Techniques, 2017, Praga. Abstract Book, 2017. v. 1. p. 298-298.

  • Marques, L. A. ; NAKAHARA, T. T. ; MADEIRA, T. B. ; ALMEIDA, M. B. ; MONTEIRO, Alessandra Maffei ; de MELO, L. G. P. ; CARRILHO, E. ; NIXDORF, S. L. . POTENTIAL OF SBSE APPLIED TO THERAPEUTIC DRUG MONITORING IN PLASMA. In: Extech 2017 - 19th International Symposium on Advances in Extraction Technologies, 2017, Santiago de Compostela. BOOK OF ABSTRACTS, 2017. v. 1. p. 258-258.

  • GONZAGA, N. ; WATANABE, L. S. ; MADEIRA, T. B. ; MONTEIRO, Alessandra Maffei ; CARRILHO, E. ; BELOTI, V. ; NIXDORF, S. L. . ?GREEN? METHOD FOR LACTOSE AND LACTULOSE DETERMINATION IN MILK. In: ExTech 2017 - 19th International Symposium on Advances in Extraction Technologies, 2017, Santiago de Compostela. Book of Abstracts, 2017. v. 1. p. 310-310.

  • DE PAULA, J. L. R. ; NIXDORF, S. L. . POTENCIAL EMPREGO DOS TEORES DE CAFEÍNA E TRIGONELINA DETERMINADOS POR UHPLC E NIR NA DIFERENCIAÇÃO DE COFFEA ARABICA DE CANEPHORA, VISANDO ESTABELECER O PERFIL DOS CAFÉS TORRADO E MOÍDO COMERCIAIS BRASILEIROS. In: VII EAITI - Encontro Anual de Iniciação Tecnológica e Inovação, 2017, Ponta Grossa. Livro de Resumos. Ponta Grossa: UEPG, 2017. v. 1. p. 1.

  • WATANABE, L. S. ; RUIZ, R. M. ; LOPES, C. T. ; ALVES, D. P. ; CORREA, A. C. ; MADEIRA, T. B. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . DESENVOLVIMENTO DE SISTEMA UTILIZANDO SMARTPHONE PARA AQUISIÇÃO E ANÁLISE DE IMAGENS DIGITAIS PARA A DETERMINAÇÃO DE ÍONS DICROMATO. In: XXXII Semana da Química ? Tecnologia em Química: Inovações na Indústria, Pesquisa e Ensino, 2017, Londrina. Anais, 2017. v. 1. p. 1.

  • SILVA, M. P. A. ; MADEIRA, T. B. ; WATANABE, L. S. ; AYALA, A. H. F. ; CARRILHO, E. ; NIXDORF, S. L. . CARBOIDRATOS COMO MARCADORES DE QUALIDADE DETERMINADOS POR CROMATOGRAFIA LÍQUIDA E ESPECTROSCOPIA NIR EM AMOSTAS DE CAFÉS TORRADOS E MOÍDOS. In: XXXII Semana da Química ? Tecnologia em Química: Inovações na Indústria, Pesquisa e Ensino, 2017, Londrina. Anais, 2017. v. 1. p. 1.

  • ALVES, D. P. ; LOPES, C. T. ; SILVA, M. P. A. ; WATANABE, L. S. ; MADEIRA, T. B. ; NIXDORF, S. L. . POTENCIAL PARA DETECÇÃO DA MISTURA DE ÓLEO DE SOJA EM AZEITE DE OLIVA POR ESPECTROSCOPIA NO INFRAVERMELHO PRÓXIMO (NIR). In: XXXII Semana da Química ? Tecnologia em Química: Inovações na Indústria, Pesquisa e Ensino, 2017, Londrina. Anais, 2017. v. 1. p. 1.

  • RUIZ, R. M. ; CORREA, A. C. ; OLIVEIRA, L. L. G. ; WATANABE, L. S. ; SILVA, M. P. A. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . DETERMINAÇÃO DE POLIFENÓIS TOTAIS EM VINHO TINTO PELO MÉTODO FOLIN-CIOCALTEAU UTILIZANDO DIA OTIMIZADA POR PLANEJAMENTO EXPERIMENTAL. In: XXXII Semana da Química ? Tecnologia em Química: Inovações na Indústria, Pesquisa e Ensino Departamento de Química da UEL, 2017, Londrina. Anais, 2017. v. 1. p. 1.

  • LOPES, C. T. ; DE PAULA, J. L. R. ; WATANABE, L. S. ; MADEIRA, T. B. ; NIXDORF, S. L. . POTENCIAL DO NIR PARA DETERMINAÇÃO DA PROPORÇÃO DE ACETATO DE ETILA EM ETANOL. In: XXXII Semana da Química ? Tecnologia em Química: Inovações na Indústria, Pesquisa e Ensino, 2017, Londrina. Anais, 2017. v. 1. p. 1.

  • ISHIKAWA, R. L. ; LOPES, C. T. ; MADEIRA, T. B. ; NIXDORF, S. L. . MÉTODO PARA QUANTIFICAÇÃO DE XANTINAS EM PLASMA POR CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ULTRA-ALTA EFICIÊNCIA ACOPLADA A ESPECTROMETRIA DE MASSAS. In: XXXII Semana da Química ? Tecnologia em Química: Inovações na Indústria, Pesquisa e Ensino, 2017, Londrina. Anais, 2017. v. 1. p. 1.

  • VALENTE, L. J. ; MADEIRA, T. B. ; ALMEIDA, M. B. ; NERY, M.M.F. ; CARRILHO, E. ; NIXDORF, S. L. . MÉTODOS CROMATOGRÁFICO E ESPECTROFOTOMÉTRICO PARA QUANTIFICAÇÃO DE ESOMEPRAZOL EMPREGADO NO TRATAMENTO DE REFLUXO GASTROESOFÁGICO. In: XXXII Semana da Química ? Tecnologia em Química: Inovações na Indústria, Pesquisa e Ensino, 2017, Londrina. Anais, 2017. v. 1. p. 1.

  • CORREA, A. C. ; OLIVEIRA, L. L. G. ; RUIZ, R. M. ; BERTOZZI, J. ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . Desenvolvimento de sistema de analise em fluxo automatizado para determinação de surfactantes aniônico baseado em imagens digitais. In: XXXII Semana da Química ? Tecnologia em Química: Inovações na Indústria, Pesquisa e Ensino, 2017, Londrina. Anais, 2017. v. 1. p. 1.

  • CORREA, A. C. ; OLIVEIRA, L. L. G. ; WATANABE, L. S. ; ALVES, João Carlos ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . Aplicação do método Alumínio-Eriocromocianina R em sistema de Analise por injeção sequencia (SIA). In: XXXII Semana da Química ? Tecnologia em Química: Inovações na Indústria, Pesquisa e Ensino, 2017, Londrina. Anais, 2017. v. 1. p. 1.

  • ALMEIDA, M. B. ; VALENTE, L. J. ; SILVA, G. L. ; CARRILHO, E. ; NIXDORF, S. L. . BIOMARCADOR DE ESTRESSE OXIDATIVO CAPAZ DE AUXILIAR NA DISTINÇÃO DE PACIENTE COM LEUCEMIA LINFOBLÁSTICA AGUDA. In: 18o ENCONTRO NACIONAL DE QUIMICA ANALITICA, 2016, Florianopolis. Livro de Resumos, 2016. v. 1. p. 116.

  • SILVA, M. A. ; VALENTE, L. J. ; LOPES, C. T. ; SILVA, M. P. A. ; SILVA, G. L. ; MADEIRA, T. B. ; ALMEIDA, M. B. ; NIXDORF, S. L. . COMPOSIÇÃO DE CARBOIDRATOS: PANORAMA DO MERCADO DE CAFÉS TORRADO E MOÍDO. In: 18o Encontro Nacional de Química Analítica, 2016, Florianópolis. Livro de Resumos. Florianópolis, 2016. v. 1. p. 94.

  • Marques, L. A. ; NAKAHARA, T. T. ; SILVA, M. A. ; ALMEIDA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; CARRILHO, E. ; NIXDORF S . MICROBARRA DE EXTRAÇÃO SORTIVA ?LAB-MADE? COMO FERRAMENTA PARA O MONITORAMENTO TERAPÊUTICO DE FLUOXETINA EM PLASMA POR HPLC-FLUORESCÊNCIA. In: 18o Encontro de Quimica Analítica, 2016, Florianópolis. Livro de Rtesumos. Florianópolis, 2016. v. 1. p. 105.

  • MADEIRA, T. B. ; WATANABE, L. S. ; SILVA, G. L. ; SILVA, M. A. ; LOPES, C. T. ; SILVA, M. P. A. ; VALENTE, L. J. ; ALMEIDA, M. B. ; MONTEIRO, Alessandra Maffei ; NIXDORF, S. L. . Estudo multiparamétrico envolvendo marcadores químicos para subsidiar o estabelecimento de padrão oficial de qualidade dos cafés comerciais torrados e moídos brasileiros. In: 18o Encontro de Química Analítica, 2016, Florianópolis. Livro de Resumos. Florianópolis, 2016. v. 1. p. 115.

  • WATANABE, L. S. ; OLIVEIRA, L. L. G. ; MADEIRA, T. B. ; BOVOLENTA, Y. R. ; CORREA, A. C. ; MONTEIRO, Alessandra Maffei ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . DESENVOLVIMENTO E VALIDAÇÃO DO MÉTODO DE ANÁLISE DE FORMOL EM LEITE EMPREGANDO IMAGENS DIGITAIS VIA SCANNER. In: 18o Encontro Nacional de Química Analítica, 2016, Florianopolis. Livro de resumos. Florianopolis, 2016. v. 1. p. 82.

  • GONZAGA, N. ; MAREZE, J. ; MARIOTO, L. R. M. ; BOVOLENTA, Y. R. ; WATANABE, L. S. ; MADEIRA, T. B. ; Suzana Lucy Nixdorf ; BELOTI, V. . DESENVOLVIMENTO E VALIDAÇÃO DE UM MÉTODO PARA ANÁLISE RÁPIDA DE CARBOIDRATOS EM LEITE POR CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ALTA EFICIÊNCIA COM DETECÇÃO POR ÍNDICE DE REFRAÇÃO (HPLC-RID). In: 18o Encontro Nacional de Química Analítica, 2016, Florianópolis. Livro de Resumos. Florianópolis, 2016. v. 1. p. 125.

  • ACQUARO JUNIOR, V. R. ; CORREA, A. C. ; WATANABE, L. S. ; MADEIRA, T. B. ; NERY, M.M.F. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; Suzana Lucy Nixdorf . DESENVOLVIMENTO DE SISTEMA DE INJEÇÃO EM FLUXO CONTROLADO POR PLACA ARDUÍNO PARA TESTES DE DISSOLUÇÃO AUTOMATIZADO DO ANTIRRETROVIRAL FUMARATO DE TENOFOVIR DESOPROXILA. In: 18o Encontro Nacional de Química Analítica, 2016, Florianópolis. Livro de Resumos. Florianópolis, 2016. v. 1. p. 84.

  • RUIZ, R. M. ; CORREA, A. C. ; OLIVEIRA, L. L. G. ; ALVES, João Carlos ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . DETERMINAÇÃO DE FLUORETO EM ÁGUA UTILIZANDO ANÁLISE DE IMAGENS DIGITAIS PELO MÉTODO SPANDS. In: 18o Encontro Nacional de Química Analítica, 2016, Florianópolis. Livro de Resumos. Florianópolis, 2016. v. 1. p. 84.

  • LOPES, C. T. ; SILVA, M. P. A. ; SILVA, G. L. ; SILVA, M. A. ; VALENTE, L. J. ; MADEIRA, T. B. ; Suzana Lucy Nixdorf ; ALMEIDA, M. B. . CROMATOGRAFIA DE ULTRA ALTA EFICIÊNCIA ? RAPIDEZ E SUSTENTABILIDADE NO CONTROLE DE ATRIBUTOS DO CAFÉ. In: 18o Encontro Nacional de Química Analítica, 2016, Florianópolis. Livro de Resumos. Florianópolis, 2016. v. 1. p. 125.

  • ALMEIDA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; WATANABE, L. S. ; SILVA, G. L. ; SILVA, M. A. ; NIXDORF, S. L. . Determinação de multiresíduos de pesticidas empregando método desenvolvido por cromatografia liquida (UHPLC-ESI-MS/MS) com monitoramento de reações múltiplas (MRM) em diferentes amostras de águas. In: VIII Encontro de Discentes e Docentes do Doutorado Associado em Química UEL-UEPG-UNICENTRO, 2016, Ponta Grossa. Anais, 2016. v. 1. p. 1-1.

  • MADEIRA, T. B. ; WATANABE, L. S. ; SILVA, G. L. ; SILVA, M. A. ; LOPES, C. T. ; SILVA, M. P. A. ; VALENTE, L. J. ; ALMEIDA, M. B. ; MONTEIRO, Alessandra Maffei ; NIXDORF, S. L. . Estratégia estatística baseada em espectroscopia de infravermelho próximo, cromatografia líquida acoplada a UV-Vis e análise sensorial, para discriminar diferenças na qualidade dos cafés torrados e moídos comerciais. In: VIII Encontro de Discentes e Docentes do Doutorado Associado em Química UEL-UEPG-UNICENTRO - Química Para um Mundo Melhor, 2016, Ponta Grossa. Anais, 2016. v. 1. p. 1-1.

  • WATANABE, L. S. ; MADEIRA, T. B. ; BOVOLENTA, Y. R. ; SILVA, G. L. ; SILVA, M. A. ; LOPES, C. T. ; SILVA, M. P. A. ; VALENTE, L. J. ; ALMEIDA, M. B. ; MONTEIRO, Alessandra Maffei ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . Sistema Instrumental e metodológico desenvolvido para determinação de adulterantes em leite por análise de imagem digital. In: VIII Encontro de Discentes e Docentes do Doutorado Associado em Química UEL-UEPG-UNICENTRO - Química Para um Mundo Melhor, 2016, Ponta Grossa. Anais, 2016. v. 1. p. 1-1.

  • ALMEIDA, M. B. ; NIXDORF, S. L. . Análise de pesticidas em águas superficiais. In: VII ED3AQ, 2015, Guarapuava. Caderno de Resumos, 2015. v. 1. p. 52-52.

  • MADEIRA, T. B. ; NIXDORF, S. L. . Potenciais aplicações da espectroscopia NIR e cromatografia no estudo da qualidade do café. In: VII ED3AQ, 2015, Guarapuava. Caderno de Resumos, 2015. v. 1. p. 58.

  • NIXDORF, S. L. ; MADEIRA, T. B. ; DOMINGUES, D. S. ; PAULI, Elis Daiane ; HIROOKA, Elisa Yoko . Roasted and ground coffee adulterations detected by HPLC. In: BIT´s 3rd Annual Conference - AnalytiX 2014, 2014, Dalian. Conference Abstract Book. Dalian, 2014. v. 1. p. 283-283.

  • NIXDORF, S. L. ; Marques, L. A. ; ALMEIDA, M. B. ; HIROOKA, Elisa Yoko . Evaluation of a ?home- made? mini stir bar for fluoxetine determination in human plasma by PDMS SBSE/HPLC-UV applying experimental design. In: 30TH INTERNATIONAL SYMPOSIUM ON MICROSCALE SEPARATION, 2014, Pécs. Book of Abstracts. Pécs: Kontraszt Plusz Kft., 2014. v. 1. p. 60-60.

  • Nixdorf, Suzana Lucy ; ALMEIDA, M. B. ; Marques, L. A. ; Amarante, Marla Karine ; HIROOKA, Elisa Yoko . LIPID OXIDATION LEVELS OBSERVED IN PATIENTS DIAGNOSED WITH ACUTE LYMPHOBLASTIC LEUKEMIA. In: 30TH INTERNATIONAL SYMPOSIUM ON MICROSCALE SEPARATION, 2014, Pécs. Book of Abstracts. Pécs, 2014. v. 1. p. 131-131.

  • Nixdorf, Suzana Lucy ; ALMEIDA, M. B. ; Marques, L. A. ; RABITO, M. F. ; MADEIRA, T. B. . MDA IN BALB/C PLASMA INFECTED WITH LEISHMANIA AMAZONENSIS TREATED BY TOPICAL AND INTRAMUSCULAR APPLICATIONS OF TANACETUM PARTHENIUM PHYTOCHEMICAL. In: 30TH INTERNATIONAL SYMPOSIUM ON MICROSCALE SEPARATION, 2014, Pécs. Book of Abstracts. Pécs: Kontraszt Plusz Kft., 2014. v. 1. p. 132-132.

  • MADEIRA, T. B. ; PAULI, ELIS D. ; DOMINGUES, D. S. ; BARBIN, D. F. ; HIROOKA, Elisa Yoko ; NIXDORF, S. L. . Strategy to detect adulterations in ground roasted coffee: An association of carbohydrates content and profiles with chemometric tools. In: 248th ACS National Meeting and Exposition, 2014, Sao Francisco. Book of Abstract, 2014. v. 1. p. 71.

  • ALMEIDA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; Marques, L. A. ; Amarante, Marla Karine ; NIXDORF, S. L. . Oxidative stress: MDA as biomarker in acute lymphoblastic leukemia. In: 248th ACS National Meeting and Exposition, 2014, Sao Francisco. Book of Abstract, 2014. v. 1. p. 100.

  • MADEIRA, T. B. ; ALMEIDA, M. B. ; Marques, L. A. ; NIXDORF, S. L. . Carbohydrate contents use as tracer for determine coffee origin and soil type of cultivation. In: 248th ACS National Meeting and Exposition, 2014, Sao Francisco. Book of Abstract, 2014. v. 1. p. 299.

  • ALMEIDA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; IGLESIAS, A. H. ; de PAULA, F. C. C. R. ; Nixdorf, Suzana Lucy . Screening and quantification of multiresidue pesticides in surface water. In: 248th ACS National Meeting and Exposition, 2014, Sao Francisco. Book of Abstract, 2014. v. 1. p. 856.

  • CONSTANTINO, L. V. ; MADEIRA, T. B. ; SILVA, C. H. G. A. ; CALDAS, B. S. ; HIROOKA, Elisa Yoko ; NIXDORF, S. L. . Development of Method for Extraction and Chromatographic Determining of Free Sugars in Green Coffee Beans. In: HPLC 2013-39th International Symposium on High Performance Liquid Phase Separations and Related Techniques, 2013, Amsterdam. Book of Abstract. Amsterdam: RAI Amsterdam, 2013. v. 1. p. 429-429.

  • CONSTANTINO, L. V. ; da SILVA, C. G. A. ; CALDAS, B. S. ; NIXDORF, S. L. . Comparison between Refractometry, Spectrophotometry and Liquid Chromatography in Determination of Total Free Sugars in Commercial Juices and Nectars of Grape and Orange. In: HPLC 2013-39th International Symposium on High Performance Liquid Phase Separations and Related Techniques, 2013, Amsterdam. Book of Abstract. Amsterdam: RAI Amsterdam, 2013. v. 1. p. 468-468.

  • RABITO, M. F. ; ALMEIDA, M. B. ; IGLESIAS, A. H. ; MOREIRA, A. L. ; de PAULA, F. C. C. R. ; FERREIRA, I. C. P. ; NIXDORF, S. L. . Development, Optimization and Validation of a Fingerprinting Method for Simultaneously Determining Guaianolide and Parthenolide in Tanacetum Parthenium (L.) Schultz-Bip Using Quality-By-Design Approach and Liquid Chromatography. In: HPLC 2013-39th International Symposium on High Performance Liquid Phase Separations and Related Techniques, 2013, Amsterdam. Book of Abstract. Amsterdam: RAI Amsterdam, 2013. v. 1. p. 750-750.

  • ALMEIDA, M. B. ; RABITO, M. F. ; SILVA, E. S. ; ACQUARO JR, V. R. ; MADEIRA, T. B. ; NERY, M.M.F. ; NIXDORF, S. L. . HPLC Method for Quantifying Tenofovir Disoproxil Fumarate in Raw Material, Tablet and their Degradation Products. In: HPLC 2013-39th International Symposium on High Performance Liquid Phase Separations and Related Techniques, 2013, Amsterdam. Book of Abstract. Amsterdam: RAI Amsterdam, 2013. v. 1. p. 788-788.

  • MARCUCCI, C. T. ; ALMEIDA, M. B. ; GOVEIA, M. S. ; NIXDORF, S. L. ; BENASSI, Marta de Toledo . TEORES DE COMPOSTOS BIOATIVOS EM CAFÉS SOLÚVEIS COMERCIAIS. In: XXIII Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2012, Campinas. Livro de Resumos. Campinas: Editora da UNICAMP, 2012. v. 1.

  • PAULI, Elis Daiane ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; BARBIERI, Franciele ; SCARMÍNIO, Ieda Spacino ; ABREU, Julia Estéfane Martins de ; Marques, L. A. ; NIXDORF, S. L. . CHARACTERIZATION OF COFFEE ADULTERANTS THROUGH CARBOHYDRATE PROFILE. In: 2012 Pittsburgh Conference & Exposition on Analytical Chemistry and Applied Spectroscopy, 2012, Orlando. Final Programme - Abstract. Orlando, 2012. v. 1.

  • SOUZA, T. M. ; PRANDO, A. M. ; SANTOS, J. S. ; ISHIKAWA, A. T. ; FELÏCIO, A. L. S. M. ; GORLA, F. A. ; NIXDORF, S. L. ; MIRANDA, M. Z. ; HIROOKA, Elisa Yoko . NITROGEN FERTILIZATION IN THE PHYSICO-CHEMICAL AND TECHNOLOGICAL PROPERTIES OF WHEAT GENOTYPES. In: 16th World Congress of Food Science and Technology : ?Addressing Global Food Security and Wellness through Food Science and Technology?, 2012, Foz do Iguaçú. Livro de Resumos. Campinas: UNICAMP, 2012. v. 1. p. 1-1.

  • ISHIKAWA, A. T. ; WIETCHOREK, P. J. A. G. ; ALMEIDA FILHO, J. de T. P. e ; MARTINS, L. M. ; SANCHES, J. G. ; MEDICI, L. M. ; ONO, Elisabete Yurie Sataque ; NIXDORF, S. L. ; KAWAMURA, Osamu ; HIROOKA, Elisa Yoko . QUALITY (ANTIOXIDANT CAPACITY, TRANS-RESVERATROL, COLOR) vs SAFETY (OCHRATOXIN) IN RED WINE OF ARGENTINE AND PARANÁ STATE, BRAZIL. In: 16th World Congress of Food Science and Technology : ?Addressing Global Food Security and Wellness through Food Science and Technology?, 2012, Foz do Iguaçú. Livro de Resumos. Campinas: UNICAMP, 2012. v. 1. p. 1-1.

  • CALDAS, B. S. ; SILVA, C. H. G. A. ; CONSTANTINO, L. V. ; NIXDORF, S. L. . Comparação entre HPLC-RID, graus Brix e Fenol-Sulfúrico na determinação de açúcares totais em suco integral e néctares de laranja. In: XXVIII Semana da Química e V Jornada de Pós-Graduação em Química: Química na Indústria, 2012, Londrina. CD ROM. Londrina: Eduel, 2012. v. 1. p. 1-1.

  • GORLA, F. A. ; SANCHES, J. G. ; FELÏCIO, A. L. S. M. ; NIXDORF, S. L. . COMPARAÇÃO ENTRE PLS E ANN NA CONSTRUÇÃO DE MODELO PARA PREDIÇÃO DE UMIDADE EM CAFÉ SOLÚVEL. In: XXVIII Semana da Química e V Jornada de Pós-Graduação em Química: Química na Indústria, 2012, Londrina. CD ROM. Londrina: Eduel, 2012. v. 1. p. 1-1.

  • GORLA, F. A. ; SANCHES, J. G. ; FELÏCIO, A. L. S. M. ; NIXDORF, S. L. . Determinação simultânea de carboidratos e cafeína do café solúvel por espectroscopia no infravermelho próximo. In: XXVIII Semana da Química e V Jornada de Pós-Graduação em Química: Química na Indústria, 2012, Londrina. CD ROM. Londrina: Eduel, 2012. v. 1. p. 1-1.

  • OLIVEIRA, R. L. ; GOVEIA, M. S. ; CARVALHO, G. M. ; GALAO, O. F. ; BOROSKI, M. ; OLIVEIRA, S. M. ; NIXDORF, S. L. . ESTUDO DA CARACTERIZAÇÃO QUÍMICA DE CAFÉS PREMIADOS PELA BOA QUALIDADE. In: XXVIII Semana da Química e V Jornada de Pós-Graduação em Química: Química na Indústria, 2012, Londrina. CD ROM. Londrina: Eduel, 2012. v. 1. p. 1-1.

  • CHENDYNSKI, L. T. ; MADEIRA, T. B. ; BORTHOLAZZI, D. P. ; SILVA, M. B. ; Marques, L. A. ; NIXDORF, S. L. . Detecção de carboidratos em café solúvel comercial por HPLC. In: XXVIII Semana da Química e V Jornada de Pós-Graduação em Química: Química na Indústria, 2012, Londrina. CD ROM. Londrina: Eduel, 2012. v. 1. p. 1-1.

  • SANCHES, J. G. ; GORLA, F. A. ; CHENDYNSKI, L. T. ; Marques, L. A. ; NIXDORF, S. L. . Capacidade antioxidante por DPPH de vinhos Bordô do Paraná. In: XXVIII Semana da Química e V Jornada de Pós-Graduação em Química: Química na Indústria, 2012, Londrina. CD ROM. Londrina: Eduel, 2012. v. 1. p. 1-1.

  • MADEIRA, T. B. ; SILVA, M. B. ; ABREU, Julia Estéfane Martins de ; BORTHOLAZZI, D. P. ; SCHOLZ, Maria Brígida dos Santos ; NIXDORF, S. L. . Estudo da determinação de adulteração com trigo germinado e feijão preto em café arábica. In: XXVIII Semana da Química e V Jornada de Pós-Graduação em Química: Química na Indústria, 2012, Londrina. CD ROM. Londrina: Eduel, 2012. v. 1. p. 1-1.

  • MADEIRA, T. B. ; SILVA, M. B. ; BORTHOLAZZI, D. P. ; SCHOLZ, Maria Brígida dos Santos ; NIXDORF, S. L. . Variação do teor de carboidratos de café arábica em diferentes graus de torrefação. In: XXVIII Semana da Química e V Jornada de Pós-Graduação em Química: Química na Indústria, 2012, Londrina. CD ROM. Londrina: Eduel, 2012. v. 1. p. 1-1.

  • CONSTANTINO, L. V. ; NIXDORF, S. L. . Relação entre carboidratos totais e solúveis de alimentos para ruminantes utilizando as técnicas de HPAEC-PAD e HPLC-RID. In: XXVIII Semana da Química e V Jornada de Pós-Graduação em Química: Química na Indústria, 2012, Londrina. CD ROM. Londrina: Eduel, 2012. v. 1. p. 1-1.

  • BORTHOLAZZI, D. P. ; SILVA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; NIXDORF, S. L. . Arroz e trigo não beneficiado misturados ao café torrado e moído. In: XXVIII Semana da Química e V Jornada de Pós-Graduação em Química: Química na Indústria, 2012, Londrina. CD ROM. Londrina: Eduel, 2012. v. 1. p. 1-1.

  • Marques, L. A. ; CHENDYNSKI, L. T. ; SANCHES, J. G. ; ISHIKAWA, A. T. ; HIROOKA, Elisa Yoko ; NIXDORF, S. L. . Avaliação de Parâmetros de Qualidade em Vinhos de Mesa do Paraná. In: XXVIII Semana da Química e V Jornada de Pós-Graduação em Química: Química na Indústria, 2012, Londrina. CD ROM. Londrina: Eduel, 2012. v. 1. p. 1-1.

  • MODESTO, A. L. ; CRISTIANO, V. ; PAULI, Elis Daiane ; GOVEIA, M. S. ; NIXDORF, S. L. . VALIDAÇÃO DE MÉTODO EMPREGANDO IMUNOAFINIDADE E HPLCFLUORESCÊNCIA COM INCERTEZA ASSOCIADA NA DETERMINAÇÃO DE OCRATOXINA A EM GRÃO DE CAFÉ VERDE. In: XIV Congresso Latino-Americano de Cromatografia e Técnicas Relacionadas (COLACRO), 2012, Florianópolis. Livro_de_Resumos_ColacroXIV, 2012. v. 1. p. 355-355.

  • CONSTANTINO, L. V. ; NIXDORF, S. L. . DETERMINAÇÃO DA COMPOSIÇAO DE CARBOIDRATOS POR HPAEC-PAD EM RAÇÃO ANIMAL. In: XIV Congresso Latino-Americano de Cromatografia e Técnicas Relacionadas (COLACRO), 2012, Florianópolis. Livro_de_Resumos_ColacroXIV, 2012. v. 1. p. 342-342.

  • ALMEIDA, M. B. ; RABITO, M. F. ; BRITTA, E. A. ; NAKAMURA, C. V. ; NIXDORF, S. L. ; FERREIRA, I. C. P. . DOSEAMENTO DE MDA EM PLASMA SANGUÍNEO DE CAMUNDONGOS INFECTADOS COM LEISHMANIA AMAZONENSIS E TRATADOS COM FRAÇÃO DE TANACETUM PARTHENIUM (L.) SCHULTZ-BIP. In: XIV Congresso Latino-Americano de Cromatografia e Técnicas Relacionadas (COLACRO), 2012, Florianópolis. Livro_de_Resumos_ColacroXIV, 2012. v. 1. p. 346-346.

  • Marques, L. A. ; SANCHES, J. G. ; WIETCHOREK, P. J. A. G. ; PELISER, O. ; ISHIKAWA, A. T. ; HIROOKA, Elisa Yoko ; HERMOSÍN-GUTIÉRREZ, Isidro ; NIXDORF, S. L. . AVALIAÇÃO DE PARÂMETROS ANALÍTICOS DE QUALIDADE E SEGURANÇA EM VINHOS DE MESA DO PARANÁ. In: XIV Congresso Latino-Americano de Cromatografia e Técnicas Relacionadas (COLACRO), 2012, Florianópolis. Livro_de_Resumos_ColacroXIV, 2012. v. 1. p. 344-344.

  • CONSTANTINO, L. V. ; CALDAS, B. S. ; ALVES, C. H. G. ; NIXDORF, S. L. . COMPARATIVO DE TEOR DE AÇÚCARES TOTAIS EM SUCOS E NÉCTARES DE UVA E LARANJA EMPREGANDO GRAUS BRIX, FENOL-SULFÚRICO E HPLC-RID. In: XIV Congresso Latino-Americano de Cromatografia e Técnicas Relacionadas (COLACRO), 2012, Florianópolis. Livro_de_Resumos_ColacroXIV, 2012. v. 1. p. 345-345.

  • SILVA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; BORTHOLAZZI, D. P. ; SCHOLZ, Maria Brígida dos Santos ; NIXDORF, S. L. . CARACTERIZAÇÃO DE FRAUDES DO PÓ DE CAFÉ POR ARROZ E TRIGO NÃO BENEFICIADO. In: XIV Congresso Latino-Americano de Cromatografia e Técnicas Relacionadas (COLACRO), 2012, Florianópolis. Livro_de_Resumos_ColacroXIV, 2012. v. 1. p. 346-346.

  • SILVA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; BORTHOLAZZI, D. P. ; SCHOLZ, Maria Brígida dos Santos ; NIXDORF, S. L. . SERÁ QUE É POSSÍVEL PERCEBER A ADIÇÃO DE AÇÚCAR MASCAVO E TRIGUILHO NO NOSSO CAFEZINHO?. In: XIV Congresso Latino-Americano de Cromatografia e Técnicas Relacionadas (COLACRO), 2012, Florianópolis. Livro_de_Resumos_ColacroXIV, 2012. v. 1. p. 347-347.

  • MADEIRA, T. B. ; SILVA, M. B. ; BORTHOLAZZI, D. P. ; SCHOLZ, Maria Brígida dos Santos ; NIXDORF, S. L. . MODELOS DE PREVISÃO DE ADULTERAÇÃO DE CAFÉ ARÁBICA COM TRIGO GERMINADO E FEIJÃO PRETO. In: XIV Congresso Latino-Americano de Cromatografia e Técnicas Relacionadas (COLACRO), 2012, Florianópolis. Livro_de_Resumos_ColacroXIV, 2012. v. 1. p. 348-348.

  • SILVA, E. S. ; ALMEIDA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; SILVA, M. B. ; GOVEIA, M. S. ; RABITO, M. F. ; NERY, M.M.F. ; NIXDORF, S. L. . VALIDAÇÃO DE MÉTODO PARADETERMINAÇÃO DO ANTIRRETROVIRAL TENOFOVIR POR HPLC. In: XIV Congresso Latino-Americano de Cromatografia e Técnicas Relacionadas (COLACRO), 2012, Florianópolis. Livro_de_Resumos_ColacroXIV, 2012. v. 1. p. 349-349.

  • RABITO, M. F. ; MOREIRA, A. L. ; PELEGRINI, B. L. ; ALMEIDA, M. B. ; de PAULA, F. C. C. R. ; CAMPOS, T. ; NIXDORF, S. L. ; FERREIRA, I. C. P. . DESENVOLVIMENTO DE MÉTODO POR CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ULTRAPERFORMANCE UTILIZANDO PLANEJAMENTO QUALITY BY DESIGN PARA DETERMINAÇÃO DE LACTONAS SESQUITERPÊNICAS DO TANACETUM PARTHENIUM (L.) SCHULTZ-BIP. In: XIV Congresso Latino-Americano de Cromatografia e Técnicas Relacionadas (COLACRO), 2012, Florianópolis. Livro_de_Resumos_ColacroXIV, 2012. v. 1. p. 350-350.

  • MADEIRA, T. B. ; SILVA, M. B. ; ABREU, Julia Estéfane Martins de ; BORTHOLAZZI, D. P. ; SCHOLZ, Maria Brígida dos Santos ; NIXDORF, S. L. . INFLUÊNCIA DO GRAU DE TORRA NO TEOR DE CARBOIDRATOS EM CAFÉ ARABICA. In: XIV Congresso Latino-Americano de Cromatografia e Técnicas Relacionadas (COLACRO), 2012, Florianópolis. Livro_de_Resumos_ColacroXIV, 2012. v. 1. p. 351-351.

  • ACQUARO JR, V. R. ; MADEIRA, T. B. ; SILVA, M. B. ; CHENDYNSKI, L. T. ; BORTHOLAZZI, D. P. ; NIXDORF, S. L. . TEOR DE CARBOIDRATOS EM CAFÉS SOLÚVEIS COMERCIALIZADOS NO BRASIL. In: XIV Congresso Latino-Americano de Cromatografia e Técnicas Relacionadas (COLACRO), 2012, Florianópolis. Livro_de_Resumos_ColacroXIV, 2012. v. 1. p. 352-352.

  • GORLA, F. A. ; DOMINGUES, D. S. ; CRISTIANO, V. ; ACQUARO JR, V. R. ; NIXDORF, S. L. . SIMILARIDADE DE TEORES DE CARBOIDRATOS EM CAFÉ EMPREGANDO HPLC-UV-VIS COM REAÇÃO PÓS-COLUNA E NIR. In: XIV Congresso Latino-Americano de Cromatografia e Técnicas Relacionadas (COLACRO), 2012, Florianópolis. Livro_de_Resumos_ColacroXIV, 2012. v. 1. p. 353-353.

  • SILVA, C. H. G. A. ; CONSTANTINO, L. V. ; CALDAS, B. S. ; RABITO, M. F. ; NIXDORF, S. L. . MÉTODOS DE EXTRAÇÃO DE CARBOIDRATOS SOLÚVEIS DO CAFÉ VERDE POR MICROONDAS E AGITAÇÃO ORBITAL. In: XIV Congresso Latino-Americano de Cromatografia e Técnicas Relacionadas (COLACRO), 2012, Florianópolis. Livro_de_Resumos_ColacroXIV, 2012. v. 1. p. 354-354.

  • DOMINGUES, D. S. ; PAULI, Elis Daiane ; ABREU, Julia Estéfane Martins de ; MASSURA, Francys William ; CRISTIANO, V. ; YABE, M.J.S. ; NIXDORF, S. L. . LIQUID CHROMATOGRAPHIC METHODS: AMPEROMETRIC AND ULTRAVIOLET-VISIBLE POST-COLUMN WITH DERIVATIZATION APPLIED FOR DETECT ROASTED AND GROUND COFFEE ADULTERATION. In: XIV Congresso Latino-Americano de Cromatografia e Técnicas Relacionadas (COLACRO), 2012, Florianópolis. Livro_de_Resumos_ColacroXIV, 2012. v. 1. p. 356-356.

  • CALDAS, B. S. ; da Silva, F. R. ; MATSUNAKA, F. S. ; DIAS, J. P. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; LOBO, I. ; NIXDORF, S. L. . Avaliação da eficiência do tratamento de efluente de lavagem de carros por eletroflotação com eletrodos de ferro e alumínio. In: 34ª Reuniao Anual da Sociedade Brasileira da Química, 2011, Florianópolis. Ano Internacional da Química- 2011. Química para um mundo melhor - PROGRAMA. Sao Paulo: SBQ, 2011. v. 1. p. 93-93.

  • GOVEIA, M. S. ; MAINARDI, Ana Claudia ; GORLA, F. A. ; DINIZ, Andréa ; PAOLIELLO, Monica Maria Bastos ; NIXDORF, S. L. . PARÂMETROS DE VALIDAÇÃO DE MÉTODO CROMATOGRÁFICO PARA MONITORAMENTO DE EXPOSIÇÃO OCUPACIONAL AO CHUMBO. In: 34ª Reuniao Anual da Sociedade Brasileira da Química, 2011, Florianópolis. Ano Internacional da Química - 2011. Química para um mundo melhor ? PROGRAMA. Sao Paulo: SBQ, 2011. v. 1. p. 96-96.

  • FELÍCIO, A. L. de S. M. ; GORLA, F. A. ; ABREU, Julia Estéfane Martins de ; CHENDYNSKI, L. T. ; NIXDORF, S. L. ; YABE, M.J.S. . Determinação do Ponto de Efeito Salino Nulo para amostras de área de plantio de cana-de-açúcar. In: 34ª Reuniao Anual da Sociedade Brasileira da Química, 2011, Florianópolis. Ano Internacional da Química - 2011. Química para um mundo melhor ? PROGRAMA. Sao Paulo: SBQ, 2011. v. 1. p. 37-37.

  • SANCHES, J. G. ; GORLA, F. A. ; FELÍCIO, A. L. de S. M. ; NIXDORF, S. L. . Avaliação da espectroscopia NIR aplicada na determinação de teores de cafeína em amostras de café solúvel. In: 34ª Reuniao Anual da Sociedade Brasileira da Química, 2011, Florianópolis. 34ª Reuniao Anual da Sociedade Brasileira da Química. Sao Paulo: SBQ, 2011. v. 1. p. 42-42.

  • FABIO, F. M. ; CESÁRIO, Jéferson Moriconi ; ALVES, João Carlos ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . Aplicação de radiação UV como fotorredutor de nitrato a nitrito na determinação colorimétrica de nitrato em sistema FIA. In: 34ª Reuniao Anual da Sociedade Brasileira da Química, 2011, Florianópolis. Ano Internacional da Química - 2011. Química para um mundo melhor ? PROGRAMA. Sao Paulo: SBQ, 2011. v. 1. p. 60-60.

  • RIEGER, S. C. ; GOVEIA, M. S. ; NIXDORF, S. L. ; FARIAS, T. J. . Identificação dos compostos fenólicos de Inga marginata (Fabaceae) por cromatografia líquida de alta eficiência. In: 34ª Reuniao Anual da Sociedade Brasileira da Química, 2011, Florianópolis. Ano Internacional da Química - 2011. Química para um mundo melhor ? PROGRAMA. Sao Paulo: SBQ, 2011. v. 1. p. 85-85.

  • FELÍCIO, A. L. de S. M. ; NIXDORF, S. L. ; YABE, M.J.S. . Avaliação da sorção do herbicida Diuron em amostras de solo, sedimento ativo e argila usando o modelo de isotermas de Freundlich. In: 34ª Reuniao Anual da Sociedade Brasileira da Química, 2011, Florianópolis. Ano Internacional da Química - 2011. Química para um mundo melhor ? PROGRAMA. Sao Paulo: SBQ, 2011. v. 1. p. 37-37.

  • FELÍCIO, A. L. de S. M. ; YABE, M.J.S. ; GORLA, F. A. ; HIROOKA, Elisa Yoko ; NIXDORF, S. L. . Transport Evaluation of the Herbicide Diuron and its Metabolites Simultaneously Detected by HPLC-DAD. In: HPLC 2011(36th International Symposium on High Performance Liquid Phase Separations and Related Techniques), 2011, Budapest. Final Programme. Budapest: Gedeon Richter, 2011. v. 1. p. 151-151.

  • PAULI, Elis Daiane ; ABREU, Julia Estéfane Martins de ; DOMINGUES, D. S. ; YABE, M.J.S. ; NIXDORF, S. L. . Characterization of the Carbohydrate Content in Different Grains using HPLC-HPAE-PAD and Chemometrics to Evaluate Adulteration in Roasted and Ground Coffee. In: HPLC 2011(36th International Symposium on High Performance Liquid Phase Separations and Related Techniques), 2011, Budapest. Final Programme. Budapest: Gedeon Richter, 2011. v. 1. p. 168-168.

  • PAULI, Elis Daiane ; BARBIERI, Franciele ; SCARMÍNIO, Ieda Spacino ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . Verification of Coffee Quality by Chemometrics and Chromatographic Profiles of Arabica and Canephora Coffea, Husks and Sticks. In: HPLC 2011(36th International Symposium on High Performance Liquid Phase Separations and Related Techniques), 2011, Budapest. Final Programme. Budapest: Gedeon Richter, 2011. v. 1. p. 170-170.

  • GOVEIA, M. S. ; SCHEEL, P. C. ; OLIVEIRA, Carlos Eduardo Coral de ; ODA, Julie Massayo Maeda ; WATANABE, M. A. E. ; NIXDORF, S. L. . Levels of MDA Determined by HPLC in Patients with Leukemia. In: HPLC 2011(36th International Symposium on High Performance Liquid Phase Separations and Related Techniques), 2011, Budapest. Final Programme. Budapest: Gedeon Richter, 2011. v. 1. p. 110-110.

  • GORLA, F. A. ; Marques, L. A. ; SANCHES, J. G. ; CHENDYNSKI, L. T. ; FELÍCIO, A. L. de S. M. ; CRISTIANO, V. ; PAULI, Elis Daiane ; DOMINGUES, D. S. ; NIXDORF, S. L. . Galactose e manose do café solúvel empregando técnicas distintas: HPLC-UV-VIS com pós coluna e NIR. In: XXVII Semana da Química e IV Jornada de Pós-Graduação em Química da Universidade Estadual de Londrina, 2011, Londrina. CD, 2011.

  • SANCHES, J. G. ; Marques, L. A. ; CHENDYNSKI, L. T. ; GORLA, F. A. ; FELÍCIO, A. L. de S. M. ; HIROOKA, Elisa Yoko ; NIXDORF, S. L. . Determinação dos teores de cafeína em amostras de café solúvel utilizando a espectroscopia do infravermelho próximo. In: XXVII Semana da Química e IV Jornada de Pós-Graduação em Química da Universidade Estadual de Londrina, 2011, Londrina. CD, 2011.

  • ABREU, Julia Estéfane Martins de ; MASSURA, Francys William ; SANCHES, J. G. ; DOMINGUES, D. S. ; PAULI, Elis Daiane ; NIXDORF, S. L. . Carboidratos do açaí e triticale por HPLC-HPAE-PAD. In: XXVII Semana da Química e IV Jornada de Pós-Graduação em Química da Universidade Estadual de Londrina, 2011, Londrina. CD, 2011.

  • CHENDYNSKI, L. T. ; Marques, L. A. ; SANCHES, J. G. ; GORLA, F. A. ; SANTOS, J. P. dos ; FELÍCIO, A. L. de S. M. ; NIXDORF, S. L. . Avaliação da precisão da espectroscopia infravermelho-próximo empregada em análises de carboidratos de café solúvel. In: XXVII Semana da Química e IV Jornada de Pós-Graduação em Química da Universidade Estadual de Londrina, 2011, Londrina. CD, 2011.

  • Marques, L. A. ; CHENDYNSKI, L. T. ; SANCHES, J. G. ; GORLA, F. A. ; ABREU, Julia Estéfane Martins de ; FELÍCIO, A. L. de S. M. ; OLIVEIRA, Edmar Fernando de ; HIROOKA, Elisa Yoko ; NIXDORF, S. L. . Avaliação da aplicação da espectroscopia NIR no controle de qualidade de pH, acidez titulável e adição de água à vinhos. In: XXVII Semana da Química e IV Jornada de Pós-Graduação em Química da Universidade Estadual de Londrina, 2011, Londrina. CD, 2011.

  • Marques, L. A. ; CHENDYNSKI, L. T. ; GORLA, F. A. ; ABREU, Julia Estéfane Martins de ; SANCHES, J. G. ; FELÍCIO, A. L. de S. M. ; CRISTIANO, V. ; HIROOKA, Elisa Yoko ; ONO, Elisabete Yurie Sataque ; NIXDORF, S. L. . Influência da granulometria na análise de café verde moído utilizando espectroscopia do infravermelho próximo (NIRS). In: XXVII Semana da Química e IV Jornada de Pós-Graduação em Química da Universidade Estadual de Londrina, 2011, Londrina. CD, 2011.

  • PAULI, Elis Daiane ; BARBIERI, Franciele ; ABREU, Julia Estéfane Martins de ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . AVALIAÇÃO DE IMPUREZAS EM CAFÉ TORRADO E MOÍDO. In: 2o Congresso Analitica Latin America, 2011, Sao Paulo. Resumos. Sao Paulo: Nürnberg Messe, 2011. v. 1. p. 1-1.

  • GORLA, F. A. ; SANCHES, J. G. ; PAULI, Elis Daiane ; CRISTIANO, V. ; Marques, L. A. ; CHENDYNSKI, L. T. ; FELÏCIO, A. L. S. M. ; NIXDORF, S. L. . COMPARATIVO ENTRE MÉTODOS ANALÍTICOS E EQUIPAMENTOS NA DETERMINAÇAO DE CAFEÍNA EM CAFÉ SOLÚVEL ?SPRAY-DRIED?. In: 2o Congresso Analitica Latin America, 2011, Sao Paulo. Resumos. Sao Paulo: Nürnberg Messe, 2011. v. 1. p. 1-1.

  • SCHEEL, P. C. ; GOVEIA, M. S. ; FUJITA, Thiago Cezar ; ODA, Julie Massayo Maeda ; WATANABE, M. A. E. ; NIXDORF, S. L. . DETERMINAÇÃO DE MALONDIALDEÍDO EM PLASMA HUMANO DE PACIENTES PORTADORES DE LEUCEMIA EM LONDRINA-PR. In: 2o Congresso Analitica Latin America, 2011, Sao Paulo. Resumos. Sao Paulo: Nürnberg Messe, 2011. v. 1. p. 1-1.

  • ABREU, Julia Estéfane Martins de ; SANCHES, J. G. ; PAULI, Elis Daiane ; DOMINGUES, D. S. ; NIXDORF, S. L. . DETERMINAÇÃO DE CARBOIDRATOS EM ADULTERANTES DE CAFÉ: AÇAÍ E TRITICALE. In: 2o Congresso Analitica Latin America, 2011, Sao Paulo. Resumos. Sao Paulo: Nürnberg Messe, 2011. v. 1. p. 1-1.

  • PAULI, Elis Daiane ; ABREU, Julia Estéfane Martins de ; MASSURA, Francys Wiliam ; SCARMÍNIO, Ieda Spacino ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . DETERMINAÇÃO DE ADULTERAÇÃO EM CAFÉS TORRADO COMERCIAIS EMPREGANDO HPAEC-PAD E QUIMIOMETRIA. In: IV Simpósio Brasileiro de Cromatografia e Técnicas Afins (SIMCRO 2010) e I Wokshop sobre Resíduos e Contaminantes em Alimentos e Fluídos Biológicos (ReCAFlub), 2010, Campos do Jordao. Livro de Resumos. Sao Carlos: Instituto Internacional de Cromatografia, 2010. p. 74-74.

  • MAINARDI, Ana Claudia ; BEZERRA, Cristiane Nascimento ; GOVEIA, M. S. ; PEREIRA, R. F. ; DINIZ, Andréa ; PAOLIELLO, Monica Maria Bastos ; NIXDORF, S. L. . DESENVOLVIMENTO DE MÉTODO CROMATOGRÁFICO PARA QUANTIFICAÇÃO DO ÁCIDO δ-AMINOLEVULÍNICO URINÁRIO. In: IV Simpósio Brasileiro de Cromatografia e Técnicas Afins (SIMCRO 2010) e I Wokshop sobre Resíduos e Contaminantes em Alimentos e Fluídos Biológicos (ReCAFlub), 2010, Campos do Jordao. Livro de Resumos. Sao Carlos: Instituto Internacional de Cromatografia, 2010. p. 160-160.

  • PEREIRA, R. F. ; GOVEIA, M. S. ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; DINIZ, Andréa . VALIDAÇÃO PARA AVALIAÇÃO DA ABSORÇÃO INTESTINAL DE QUERCETINA EM RATOS UTILIZANDO COLUNA MONOLÍTICA. In: IV Simpósio Brasileiro de Cromatografia e Técnicas Afins (SIMCRO 2010) e I Wokshop sobre Resíduos e Contaminantes em Alimentos e Fluídos Biológicos (ReCAFlub), 2010, Campos do Jordao. Livro de Resumos. Sao Carlos: Instituto Internacional de Cromatografia, 2010. p. 336-336.

  • GOVEIA, M. S. ; GORLA, F. A. ; MORAES, Jaqueline Tobias de ; REICHE, E. M. V. ; OLIVEIRA, K. B. ; CONCHON-COSTA, I. ; Ehara Watanabe, Maria Angelica ; NIXDORF, S. L. . AVALIAÇÃO DO MALONDIALDEÍDO EM PLASMA HUMANO DE PACIENTES PORTADORES. In: IV Simpósio Brasileiro de Cromatografia e Técnicas Afins(SIMCRO 2010) e I Wokshop sobre Resíduos e Contaminantes em Alimentos e Fluídos Biológicos (ReCAFlub), 2010, Campos do Jordao. Livro de Resumos. Sao Carlos: Instituto Internacional de Cromatografia, 2010. p. 353-353.

  • MORAES, Jaqueline Tobias de ; FELÍCIO, A. L. de S. M. ; ABREU, Julia Estéfane Martins de ; GORLA, F. A. ; LOPES, G. C. ; DINIZ, Andréa ; ANDREI, César Cornélio ; NIXDORF, S. L. . Perfil químico e controle físico-químico para a determinação de parâmetros para controle de qualidade da Equisetum giganteum. In: XVIII Encontro de Química da Região Sul - SBQSul 2010, 2010, Curitiba. CD XVIII Encontro de Química da Região Sul - SBQSul 2010. Curitiba, 2010. p. 1-1.

  • PAULI, Elis Daiane ; BARBIERI, Franciele ; SCARMÍNIO, Ieda Spacino ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . Avaliação de adulteração em café através da determinação de carboidratos totais empregando HPAEC-PAD e quimiometria.. In: XVIII Encontro de Química da Região Sul - SBQSul 2010, 2010, Curitiba. CD do XVIII Encontro de Química da Região Sul - SBQSul 2010. Curitiba, 2010. p. 1-1.

  • DOMINGUES, D. S. ; ABREU, Julia Estéfane Martins de ; Coutinho, Lincoln F. M. ; COUTINHO, Cláudia Flávia Breda ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; YABE, M.J.S. ; NIXDORF, S. L. . Avaliação de resposta do produto comercial Roundup em relação ao padrão de referência de glifosato na detecção coulométrica por HPLC. In: XVIII Encontro de Química da Região Sul - SBQSul 2010, 2010, Curitiba. CD do XVIII Encontro de Química da Região Sul - SBQSul 2010. Curitiba, 2010. p. 1-1.

  • PAULI, Elis Daiane ; MASSURA, Francys Wiliam ; ABREU, Julia Estéfane Martins de ; SCARMÍNIO, Ieda Spacino ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . Determinação de teores de carboidratos de amostras de café torrado comerciais empregando HPAEC-PAD. In: XVIII Encontro de Química da Região Sul - SBQSul 2010, 2010, Curitiba. CD do XVIII Encontro de Química da Região Sul - SBQSul 2010. Curitiba, 2010. p. 1-1.

  • OLIVEIRA, Edmar Fernando de ; NIXDORF, S. L. ; DOMINGUES, D. S. ; VICENTINI, M.B. ; MANDARINO, M. G. ; CARRÃO-PANIZZI, M.C ; OLIVEIRA, M.A. . Isoflavonas em soja verde in natura e branqueados. In: XXVI Semana de Química e III Jornada de Pós-Graduação em Química, 2010, Londrina. CD de Resumos. Londrina: EDUEL, 2010. p. 1-1.

  • MORAES, Jaqueline Tobias de ; ABREU, Julia Estéfane Martins de ; GORLA, F. A. ; LOPES, G. C. ; DINIZ, Andréa ; ANDREI, César Cornélio ; NIXDORF, S. L. . Controle físico-químico da Equisetum giganteum. In: XXVI Semana De Química e III Jornada de Pós-Graduaçao em Química, 2010, Londrina. CD de Resumos. Londrina: EDUEL, 2010. p. 1-1.

  • PAULI, Elis Daiane ; CRISTIANO, V. ; NAKAMURA, Estéfano ; ABREU, Julia Estéfane Martins de ; BARBIERI, Franciele ; SCARMÍNIO, Ieda Spacino ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . Determinação de adulterantes em café empregando HPAEC-PAD e quimiometria. In: XXVI Semana de Química e III Jornada de Pós-Graduação em Química, 2010, Londrina. CD de Resumos. Londrina: EDUEL, 2010. p. 1-1.

  • CRISTIANO, V. ; PAULI, Elis Daiane ; LOBO, I. ; FÚNGARO, M.H. P. ; SARTORI, D. ; NIXDORF, S. L. . OTA, carboidratos, defeitos e microbiota fúngica em diferentes qualidades de bebidas de café. In: XXVI Semana de Química e III Jornada de Pós-Graduação em Química, 2010, Londrina. CD de Resumos. Londrina: EDUEL, 2010. p. 1-1.

  • ALMEIDA FILHO, J. de T. P. e ; OLIVEIRA, Edmar Fernando de ; SILVA, Dani Luce Doro da ; HIROOKA, Elisa Yoko ; NIXDORF, S. L. . OTA, concentração de resveratrol e atividade antioxidante em vinhos da região sul do brasil. In: XXVI Semana de Química e III Jornada de Pós-Graduação em Química, 2010, Londrina. CD de Resumos. Londrina: EDUEL, 2010. p. 1-1.

  • ABREU, Julia Estéfane Martins de ; PAULI, Elis Daiane ; NIXDORF, S. L. . Detecção de trigo e milho adicionados ao café torrado. In: XXVI Semana de Química e III Jornada de Pós-Graduação em Química, 2010, Londrina. CD de Resumos. Londrina: EDUEL, 2010. p. 1-1.

  • MASSURA, Francys William ; PAULI, Elis Daiane ; NIXDORF, S. L. . Determinação de teores de carboidratos de amostras de café torrado comerciais empregando HPLC-HPAE-PAD. In: XXVI Semana de Química e III Jornada de Pós-Graduação em Química, 2010, Londrina. CD de Resumos. Londrina: EDUEL, 2010. p. 1-1.

  • GOVEIA, M. S. ; MAINARDI, Ana Claudia ; BEZERRA, Cristiane Nascimento ; DINIZ, Andréa ; PAOLIELLO, Monica Maria Bastos ; NIXDORF, S. L. . Exposição ocupacional ao chumbo determinado por ala na urina empregando HPLC. In: XXVI Semana de Química e III Jornada de Pós-Graduação em Química, 2010, Londrina. CD de Resumos. Londrina: EDUEL, 2010. p. 1-1.

  • NIXDORF, S. L. ; HERMOSÍN-GUTIÉRREZ, Isidro . Brazilian Red Wines Made from the Hybrid Grape Cultivar Isabel: Phenolic Composition and Antioxidant Capacity. In: VIth Symposium In Vino Analytica Scientia, 2009, Angers. Program and abstracts. Angers: Groupe ESA, 2009. p. 183-183.

  • CRISTIANO, V. ; SARTORI, D. ; RAMOS, Cleiton Inácio ; FUNGARO, Maria Helena Pelegrinelli ; HIROOKA, Elisa Yoko ; SILVA, Dani Luce Doro da ; ONO, Elisabete Yurie Sataque ; ITANO, Eiko Nakagawa ; NIXDORF, S. L. . Brazilian green coffee beans: fungi, OTA and cup quality. In: ISM Conference 2009 International Society for Mycotoxicology, 2009, Tulln. Poster Sessions. Tulln, Austria: University of natural Resouces and Applied Life Science, Vienna, 2009. p. 166-166.

  • SILVA, Dani Luce Doro da ; TAKABAYASHI, Cássia Reika ; NIXDORF, S. L. ; HERMOSÍN-GUTIÉRREZ, Isidro ; ONO, Elisabete Yurie Sataque ; KAWAMURA, Osamu ; HIROOKA, Elisa Yoko . Evaluation of Ochratoxin A, phenolic compounds and antioxidant activity in wines from the Southern region of Brazil. In: ISM Conference 2009 International Society for Mycotoxicology, 2009, Tulln. Poster Sessions. Tulln, Austria: University of natural Resouces and Applied Life Science, Vienna, 2009. p. 169-169.

  • PAULI, Elis Daiane ; CRISTIANO, V. ; DINIZ, Andréa ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; Nixdorf, Suzana L. . Avaliação de parâmetros para otimização e validação de metodologia para determinação de carboidratos totais em amostras de café solúvel. In: Congresso Analitica Latin America, 2009, São Paulo. Trabalhos Científicos, 2009.

  • DOMINGUES, D. S. ; Nixdorf, Suzana L. ; TAKAHASHI, H. W. ; PAULI, Elis Daiane ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . Sistema Instrumental Desenvolvido na UEL permite monitoramento e controle automático 24 horas via webcam de pH e condutividade do cultivo de alface hidroponica. In: Congresso Analítica Latin America, 2009, São Paulo. Trabalhos Científicos, 2009.

  • PAULI, Elis Daiane ; GARCIA, Lívia Maria Zambrosi ; SCARMÍNIO, Ieda Spacino ; CRISTIANO, V. ; DINIZ, Andréa ; CAMARA, Carlos Alberto Paulineti da ; NIXDORF, S. L. . Avaliação quimiométrica de perfis de adulterações em café por milho e casca empregando a determinação de carboidratos por HPAE/HPLC-PAD. In: Congresso Latino-Americano de Cromatografia e Técnicas relacionadas, 2008, Florianópolis. Livro de Resumos e CD ROM. São Carlos: Instituto Internacional de Cromaografia, 2008. p. 162-162.

  • PAULI, Elis Daiane ; CRISTIANO, V. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulineti da ; DINIZ, Andréa ; NIXDORF, S. L. . Otimização e validação de metodologia para determinação de carboidratos por HPLC/UV-VIS empregada na triagem de detecção de fraudes em café. In: Congresso Latino-Americano de Cromatografia e Técnicas relacionadas, 2008, Florianópolis. Livro de Resumos e CD ROM. São Carlos: Instituto Internacional de Cromatografia, 2008. p. 195-195.

  • MORAES, Jaqueline Tobias de ; CAMARA, Carlos Alberto Paulineti da ; DINIZ, Andréa ; ANDREI, César Cornélio ; NIXDORF, S. L. . Perfil cromatográfico de extração por planejamento quimiométrico de mikania glomerata empregando-se CLAE e CG/EM. In: Congresso Latino-Americano de Cromatografia e Técnicas relacionadas, 2008, Florianópolis. Livro de resumos e CD ROM. São Carlos: Instituto Internacional de Cromatografia, 2008. p. 536-536.

  • CRISTIANO, V. ; PAULI, Elis Daiane ; LOBO, I. ; NIXDORF, S. L. . Avaliação da influência da ocratoxina a na qualidade das bebidas mole, dura, rio, riado e riozona de cafés brasileiros empregando imunoafinidade HPLC/fluorescência. In: Congresso Latino-Americano de Cromatografia e Técnicas relacionadas, 2008, Florianópolis. Livro de Resumos e CD ROM. São Carlos: Instituto Internacional de Cromatografia, 2008. p. 158-158.

  • LOBO, I. ; NIXDORF, S. L. ; SORIANO, Adriana Ururahy ; MOZETO, Antonio A. ; DIAS, Rafael C. E. . Validação de um método de análise de benzilsuccinato por CLAE e pré-concentração por spe para monitoramento da biodegradação de tolueno em água subterrânea. In: Congresso Latino-Americano de Cromatografia e Técnicas relacionadas, 2008, Florianópolis. Livro de Resumos e CD ROM. São Carlos: Instituto Internacional de Cromatografia, 2008. p. 346-346.

  • SOUZA, V. R. ; BUQUI, Gabriela Amaral ; DINIZ, Andréa ; CAMARA, Carlos Alberto Paulineti da ; NIXDORF, S. L. ; LOPES, N. P. . Otimização e validação de metodologia para determinação da flavona VICENINA-2 por HPLC/UV-VIS empregada na avaliação da absorção intestinal ?in vivo? de soluções aquosas de extrato seco de Lychnophora ericoides (?ARNICA-DASERRA?). .. In: Congresso Latino-Americano de Cromatografia e Técnicas relacionadas, 2008, Florianópolis. Livro de Resumos e CD ROM. São Carlos: Instituto Internacional de Cromatografia, 2008. p. 376-376.

  • PAULI, Elis Daiane ; NIXDORF, S. L. . Validação e Otimização de Metodologia em Análise de Carboidratos em Cromatografia Líquida de Alta Eficiência em Amostras de Café Solúvel. In: XXIV Semana da Química e I Jornada de Pós-Graduaçao em Química, 2008, Londrina. CD ROM, 2008.

  • NIXDORF, S. L. ; DOMINGUES, D. S. ; ALVES, João Carlos ; CAMARA, Carlos Alberto Paulineti da ; TAKAHASHI, H. W. . Aplicação de sistema automatizado no monitoramento e correção de pH e condutividade em cultivo de alface hidropônica na UEL. In: 30A REUNIÃO ANUAL DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE QUÍMICA, 2007, Água de Lindóia. Livro de Resumos/ CD ROM, 2007.

  • COUTINHO, Cláudia Flávia Breda ; COUTINHO, Lincoln Figueira Marins ; MAZO, Luiz Henrique ; LANÇAS, Fernando Mauro ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . Desenvolvimento de instrumentação para a detecção amperométrica e coulométrica utilizando ultramicroeletrodos. In: 14º ENCONTRO NACIONAL DE QUÍMICA ANALÍTICA, 2007, João Pessoa. Livro de Resumo, 2007.

  • COUTINHO, Cláudia Flávia Breda ; COUTINHO, Lincoln Figueira Marins ; MAZO, Luiz Henrique ; LANÇAS, Fernando Mauro ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . Determinação direta de glifosato utilizando CLAE aliada a detecção eletroquímica com microeletrodo de cobre.. In: 14º ENCONTRO NACIONAL DE QUÍMICA ANALÍTICA, 2007, João Pessoa. Livro de Resumo. João Pessoa, 2007.

  • DOMINGUES, D. S. ; NIXDORF, S. L. ; ALVES, João Carlos ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; TAKAHASHI, H. W. . Módulo para correção automatizada de pH e condutividade de alface hidropônica considerando as variações de temperatura em estufa. In: ANAIS DO XVI EAIC, 2007, Maringá. Livro de Resumo. Maringá, 2007.

  • DOMINGUES, D. S. ; NIXDORF, S. L. ; ALVES, João Carlos ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; TAKAHASHI, H. W. . Monitoramento e controle automático do pH, condutividade e nitrato dos nutrientes da solução empregada no cultivo da alface hidropônica. In: II ENCONTRO DE BOLSISTAS DO PROGRAMA DE APOIO A AÇÕES AFIRMATIVAS PARA INCLUSÃO SOCIAL E II ENCONTRO DE BOLSISTAS DO PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA JÚNIOR 2007, 2007, Londrina. livro de resumo. Londrina: UEL, 2007.

  • NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; ALVES, João Carlos ; TAKAHASHI, H. W. ; DOMINGUES, D. S. . Sistema Instrumental desenvolvido para controle da qualidade da solução nutriente empregada no cultivo de alface hidropônica. In: III FEIRA DA IDÉIA DA INTUEL/UEL, 2007, Londrina. Livro de resumo. Londrina, 2007.

  • CONSTANTINO, L. V. ; PALAZZI, A. J. ; BUENO, Eliana Aparecida Silicz ; CAMARA, Carlos Alberto Paulineti da ; NIXDORF, S. L. . Tabela Periódica ampliada interativa desenvolvida como ferramenta de despertamento e investigação científica. In: XXIII Semana da Química, 2007, Londrina. XXIII Semana da Química. Londrina: UEL, 2007.

  • NIXDORF, S. L. ; DOMINGUES, D. S. ; ALVES, João Carlos ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; TAKAHASHI, H. W. . Aplicação de sistema automatizado no monitoramento e correção de pH e condutividade em cultivo de alface hidropônica na UEL. In: XXIII SEMANA DA QUÍMICA, 2007, LONDRINA. CD ROM XXIII Semana da Química, 2007.

  • COUTINHO, Cláudia Flávia Breda ; ZAMARION, Vitor de Moraes ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . Determinação do grau de contaminação de alfaces comercializadas em Londrina - PR pelo agrotóxico clorpirifós empregando HPLC. In: Segundo Simpósio Brasileiro de Cromatografia e Técnicas Afins - SIMCRO 2006, 2006, Águas de São Pedro. Livro de Resumos. São Carlos: Instituto Internacional de Cromatografia, 2006. v. 1. p. 99.

  • COUTINHO, Cláudia Flávia Breda ; COUTINHO, Lincoln Figueira Marins ; MAZO, Luiz Henrique ; LANÇAS, Fernando Mauro ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . Separation and direct determination of glyphosate using hydrophilic interaction chromatography with coulometric detection. In: Segundo Simpósio Brasileiro de Cromatografia e Técnicas Afins - SIMCRO 2006, 2006, Águas de São Pedro. Livro de Resumos. São Carlos: Instituto Internacional de Cromatografia, 2006. v. 1. p. 227.

  • NIXDORF, S. L. ; DINIZ, Andréa ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . Padronização de Metodologia Cromatográfica para controle de qualidade de Bidens Pilosa.. In: 10º Congresso Latino Americano de Cromatografia e Técnicas Afins, 2004, Campos do Jordão. Livro de Resumos M-19 p.325, 2004.

  • ZANOLLI FILHO, Luiz Antônio ; SILVA JUNIOR, Carlos Roberto da ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . Determinação de cobre em aguardentes comercializadas na região de Londrina-PR. In: XII Encontro de Química da Região Sul, 2004, Guarapuava. Livro de Resumos QA-088, 2004.

  • MELO, Juliana Moura ; BASSO, Pyolla Nascimento ; NIXDORF, S. L. ; DINIZ, Andréa ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . Perfil cromatográfico do extrato hidroalcoólico de Bidens pilosa. In: XII Encontro de Química da Região Sul, 2004, Grarapuava. Livro de Resumos QO-097, 2004.

  • DEDUCH, Elisangela Manjurma ; BASSO, Pyolla Nascimento ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . Sistema de diluição on-line para cromatografia. In: XII Encontro de Química da Região Sul, 2004, Guarapuava. Livro de Resumos QA-107, 2004.

  • SONG, Eduardo Y.w. ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . Determinação de proteínas séricas através da análise da imagem digitalizada dos traçados eletroforéticos. In: XX Semana da Química, 2004, Londrina, 2004.

  • NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; OLIVEIRA, Paulo Lauro Correa de ; COUTINHO, Lincoln Figueira Marins ; MAZO, Luiz Henrique ; LANÇAS, Fernando Mauro . Simplificando a determinação de carboidratos em café por HPAEC-PAD. In: 10º Congresso Latino Americano de Cromatografia e Técnicas Afins, 2004, Campos do Jordão. Livro de Resumos L-30 p.299, 2004.

  • PALMA, Pedro Luis Tozoni ; PEREZ, Carlos Alberto Silva ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . Construção de um fotocolorímetro portátil para utilização em aulas práticas de química analítica. In: XII Encontro de Química da Região Sul, 2004, Guarapuava. Livro de Resumos ED-042, 2004.

  • DELAROZA, Fernanda ; ZANOLLI FILHO, Luiz Antônio ; NORA, Paulo dos Santos ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . Sistema FIA para a determinação de nitrato em águas naturais por método espectrofotométrico. In: XII Encontro de Química da Região Sul, 2004, Guarapuava. Livro de Resumos QA-090, 2004.

  • SALEMI, Gisele Marquis ; DELAROSA, Fernanda ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . Desenvolvimento metodológico e instrumental para determinação de carboidratos em café. In: XII Encontro de Química da Região Sul, 2004, Guarapuava. Livro de Resumos QA-091, 2004.

  • NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; COUTINHO, Lincoln Figueira Marins ; MAZO, Luiz Henrique ; LANÇAS, Fernando Mauro ; OLIVEIRA, Paulo Lauro Correa de . Alternative electrochemical detection system applied to carbohydrates analysis by HPLC. In: 54 th Pittsburgh Conference & Exposition on Analytical Chemistry & Applied Spectroscopy - Pittcon 2003, 2003, Orlando. CD-Rom 2630-10.pdf. Orlando: Omnipress, 2003.

  • COUTINHO, Lincoln Figueira Marins ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . Sistema lab-made de detecção pulso amperométrico aplicado à análise de carboidratos em HPLC. In: XI Encontro Anual de Iniciação Científica, 2002, Maringá. CD-Rom 11-07-92-0.pdf. Maringá: UEM, 2002.

  • FRANZAN, R. ; COUTINHO, Lincoln Figueira Marins ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . Avaliação de sistema lab-made de detecção amperométrica aplicado à análise de açúcares livres. In: XI Encontro Anual de Iniciação Científica, 2002, Maringá. CD-Rom 11-07-97-1.pdf. Maringá: UEM, 2002.

  • COUTINHO, Lincoln Figueira Marins ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . Desenvolvimento de software para HPLC com sistema de detecção eletroquímica. In: X Encontro de Química da Região Sul, 2002, Joinville. Livro de Resumos. Joinville: Universidade da Região de Joinville - Univille, 2002. v. 1. p. 221.

  • COUTINHO, Lincoln Figueira Marins ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . Determinação de açúcares livres por HPLC-PAD. In: IX Encontro de Química da Região Sul, 2001, Londrina. Livro de Resumos. Londrina, 2001. v. 1. p. QA064.

  • VILELA, D. S. ; FRANZAN, R. ; ALMEIDA, A. A. ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . Teor de cafeína de bebidas comercializadas nos supermercados de Londrina (Pr). In: IX Encontro de Química da Região Sul, 2001, Londrina. Livro de Resumos. Londrina, 2001. v. 1. p. QA065.

  • FRANZAN, R. ; ALMEIDA, A. A. ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; PRETE, C. E. C. . Teores de cafeína da coleção de germoplasma da Fazenda Escola da UEL. In: IX Encontro de Química da Região Sul, 2001, Londrina. Livro de Resumos. Londrina, 2001. v. 1. p. QA025.

  • FRANZAN, R. ; ALMEIDA, A. A. ; KILLNER, M. H. M. ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; PRETE, C. E. C. . Avaliação de Progênies, Variedades e Espécies do Gênero Coffea quanto ao teor de cafeína. In: 11o Encontro Nacional de Química Anlítica - ENQA, 2001, Campinas. Livro de Resumos. Campinas, 2001. v. 1. p. SE-97.

  • FRANZAN, R. ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; ALVES, João Carlos ; TAKAHASHI, H. W. . Sistema Automatizado para correção de pH e condutividade na solução nutrienete utilizada para o cultivo da alface hidropônica. In: 11o Encontro Nacional de Química Analítica - ENQA, 2001, Campinas. Livro de Resumos, 2001. v. 1. p. IA-51.

  • FRANZAN, R. ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . Sistema de monitoramento e controle de pH programável. In: IX Encontro de Química da Região Sul, 2001, Londrina. Livro de Resumos. Londrina, 2001. v. 1. p. QA003.

  • NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; MAZO, Luiz Henrique ; LANÇAS, Fernando Mauro ; OLIVEIRA, P. L. C. . Time-based online dilution system for chromatography. In: VIII COLACRO - Congresso Latinoamericano de Cromatografia e Técnicas Afins, 2000, Buenos Aires. Book of Abstract. Buenos Aires: División Cromatografia de la Asociación Quimica Argentina, 2000. v. 1. p. 72.

  • CORRER, C. J. ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . O efeito da concentração de hidróxido de sódio na detecção amperométrica de carboidratos. In: VIII Encontro de Química da Região Sul, 2000, Santa Cruz do Sul. Livro de Resumos. Santa Cruz do Sul, 2000. v. 1. p. QA-73.

  • NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; MAZO, Luiz Henrique ; LANÇAS, Fernando Mauro . Multi-detection system for chromatography. In: VIII COLACRO - Congresso Latinoamericano de Cromatografia e Técnicas Afins, 2000, Buenos Aires. Book of Abstract. Buenos Aires: División Cromatografia de la Asociación Quimica Argentina, 2000. v. 1. p. 71.

  • NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; MAZO, Luiz Henrique ; LANÇAS, Fernando Mauro ; OLIVEIRA, P. L. C. . ATime-Based injector for HPLC and Micro-LC. In: 21st International Symposium on Cappilary Chromatography & Electrophoresis, 1999, Park City. Proceedings. Park City, 1999. v. 1. p. 204.

  • NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; MAZO, Luiz Henrique ; LANÇAS, Fernando Mauro . Desenvolvimento de sistema instrumental computadorizado para aquisição múltipla e acionamento de válvulas em cromatografia. In: 10o. ENQA - Encontro Nacional de Química Analítica, 1999, Santa Maria. Livro de Resumos. Santa Maria: UFSM, 1999. v. 1. p. I-2.

  • PINTO, Jair Sebastião da Silva ; LANÇAS, Fernando Mauro ; NIXDORF, S. L. ; OLIVEIRA, Paulo Lauro Correa de . Determination of Coffee Oil Contents by Accelerated Solvent Extraction (ASE). In: 21st International Symposium on Cappilary Chromatography & Electrophoresis, 1999, Park City. Proceedings. Park City, 1999. v. 1. p. 115.

  • NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; MAZO, Luiz Henrique ; LANÇAS, Fernando Mauro . Sistema Automatizado "Home-made" de Detecção Amperométrica para HPLC. In: IV Congresso Latino Americano de Cromatografia (COLACRO), 1998, Águas de São Pedro. Book of Abstract. São Carlos: IQSC-USP, 1998. v. 1. p. 247.

  • NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; MAZO, Luiz Henrique ; LANÇAS, Fernando Mauro . A "Home-made" recycle system for HPLC Mobile Phase. In: IV Congresso Latino-Americano de Cromatografia (COLACRO), 1998, Águas de São Pedro. Book of Abstract. São Carlos: IQSC-USP, 1998. v. 1. p. 248.

  • NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; MAZO, Luiz Henrique ; LANÇAS, Fernando Mauro . Detecção Amperométrica para HPLC.. In: Workshop de Físico-Química, 1998, São Carlos. Workshop de Físico-Química - Livro de Resumos. São Carlos: IQSC-USP, 1998. v. 1. p. 16.

  • PINHEIRO, M. ; COMAR, D. S. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. ; MAZO, Luiz Henrique . Voltammetric behavior of cysteine and n-acetyl cysteine at ultramicroelectrodes. In: I Brazilian Meeting on the Chemistry of Food and Beverages, 1998, São Carlos. Livro de Resumos. São Carlos: IQSC-USP, 1998. v. 1. p. 42.

  • CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. ; MAZO, Luiz Henrique . Sistema Instrumental para Análise em Fluxo com Detecção Amperométrica.. In: Workshop de Físico-Química, 1998, São Carlos. Workshop de Físico-Química - Livro de Resumos. São Carlos: IQSC-USP, 1998. v. 1. p. 13.

  • CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; MAZO, Luiz Henrique ; NIXDORF, S. L. . Desenvolvimento de Instrumentação para análise automática por métodos eletroanalíticos. Aplicação de microeletrodos voltamétricos em voltametria e potenciometria com injeção em fluxo.. In: 8o. CONAI'98 - Congresso e Exposição Internacional de Automação Industrial, 1998, São Paulo, 1998.

  • PINTO, Jair Sebastião da Silva ; LANÇAS, Fernando Mauro ; NIXDORF, S. L. ; OLIVEIRA, Paulo Lauro Correa de . Coffee Oil Contents by Acellerated Solvent Extraction (ASE). In: I Brazilian Meeting on The Chemistry of Food and Beverages, 1998, São Carlos. Book of Abstract. São Carlos: IQSC-USP, 1998. v. 1. p. 8.

  • NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; MAZO, Luiz Henrique ; LANÇAS, Fernando Mauro ; OLIVEIRA, Paulo Lauro Correa de . Recovery HPLC mobile phase by recycle in routine determination of caffeine in coffee. In: I Brazilian Meeting on the Chemistry of Food and Beverages, 1998, São Carlos. Livro de resumos. São Carlos: IQSC-USP, 1998. v. 1. p. 41.

  • CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. ; MAZO, Luiz Henrique . Sistema Instrumental para Análise em Fluxo com Detecção Amperométrica. In: IX Encontro Nacional de Química Analítica, 1997, São Carlos. Livro de Resumos. São Carlos: IQSC-USP, 1997. v. 1. p. 139.

  • NIXDORF, S. L. ; MATSUSHITA, M. ; SOUZA, N. E. . Colesterol em Refeições Comerciais da Cidade de Londrina(PR). In: IX Encontro Nacional de Química Analítica (ENQA), 1997, São Carlos. Livro de Resumos. São Carlos: IQSC-USP, 1997. v. 1. p. 331.

  • OLIVEIRA, Paulo Lauro Correa de ; NIXDORF, S. L. . Metodologia de Rotina para Determinação de Cafeína em Chá e seus produtos por CLAE. In: III Congresso Latino-Americano de Cromatografia (COLACRO), 1990, Águas de São Pedro. São Carlos: IQSC-USP, 1990. v. 1. p. 235.

  • ALMEIDA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; WATANABE, L. S. ; MELETTI, P. C. ; NIXDORF, S. L. . Pesticide Determination in Water Samples from a Rural Area by Multi-Target Method Applying Liquid Chromatography Tandem Mass Spectrometry. JOURNAL OF THE BRAZILIAN CHEMICAL SOCIETY , 2019.

  • NIXDORF, S. L. . Potencial uso dos Equipamentos do Laboratório Multiusuário LAPA. 2019. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • ALMEIDA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; MAZALLI, A.V.G. ; ISHIKAWA, R. L. ; NIXDORF, S. L. . Methylxanthines analysis in human plasma samples by UHPLC-MS/Ms. 2018. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • PARIZZI, F. C. ; FERNANDES, F.F. ; MASSAROLLO, E. ; GUIMARAES, N. C. C. ; ROCHA, O. C. ; NIXDORF, S. L. . Presença de matéria estranha e impurezas no café torrado e moído, afetando diretamente a qualidade da bebida. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • MAZALLI, A.V.G. ; LOPES, C. T. ; SENA, D. H. S. ; ALMEIDA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; NIXDORF, S. L. . Composição fenólica de extratos de resíduos industriais de amora-preta e seriguela por UPLC-PDA. 2018. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • AYALA, A. H. F. ; NIXDORF, S. L. ; MADEIRA, TIAGO BERVELIERI ; LOPES, C. T. ; ALVES, D. P. ; ALMEIDA, M. B. ; SILVA, M. P. A. ; WATANABE, L. S. . NEAR INFRA-RED ESPECTROSCOPY AND CHEMOMETRICS: POTENTIAL FOR COFFEE QUALITY CONTROL. 2018. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • ALVES, D. P. ; AYALA, A. H. F. ; LOPES, C. T. ; VALENTE, L. J. ; SILVA, M. P. A. ; ISHIKAWA, R. L. ; ALMEIDA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; NIXDORF, S. L. . Determinação de compostos fenólicos em vinhos comerciais por UPLC-UV. 2018. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • NIXDORF, S. L. ; KATAYAMA, C. . Coffee - to what extent is it pure?. 2018. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • ALVARENGA, V. ; WATANABE, L. S. ; RUIZ, R. M. ; CORREA, A. C. ; OLIVEIRA, L. L. G. ; ALVES, João Carlos ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . Desenvolvimento de um sistema FIA automatizado para determinação potenciométrica de fluoreto em águas. 2018. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • RUIZ, R. M. ; CORREA, A. C. ; WATANABE, L. S. ; LOPES, C. T. ; COSTA, L.N. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . AVALIAÇÃO DE MODELOS DE CORES APLICADOS Á ANÁLISE DE IMAGEM DIGITAL COM REGRESSÃO POR MÍNIMOS QUADRADOS PARCIAIS PARA QUANTIFICAÇÃO DE FLUORETO EM ÁGUAS EMPREGANDO MATLAB. 2018. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • RUIZ, R. M. ; WATANABE, L. S. ; LOPES, C. T. ; COSTA, L.N. ; CORREA, A. C. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . DETERMINAÇÃO DE POLIFENÓIS EM VINHOS POR CELULAR. 2018. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • LOPES, C. T. ; RUIZ, R. M. ; CORREA, A. C. ; WATANABE, L. S. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . DESEMPENHO DE SOFTWARE E SISTEMAS ?LAB-MADE? EMPREGANDO ANÁLISE DE IMAGENS DIGITAIS NA QUANTIFICAÇÃO DE ÍONS DICROMATO. 2018. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • AYALA, A. H. F. ; NIXDORF, S. L. . DESENVOLVIMENTO DE FASE MONOLITICA IN TUBE PARA ANÁLISES EM EXTRAÇÃO EM FASE SÓLIDA. 2018. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • ALVES, D. P. ; NIXDORF, S. L. . DESENVOLVIMENTO DE DISPOSITIVO MAGNÉTICO PARA ANÁLISE DE COMPOSTOS POR EXTRAÇÃO SORTIVA. 2018. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • ALMEIDA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; LOPES, C. T. ; GARCIA, F. ; ISHIKAWA. R. L. ; NIXDORF, S. L. . USE OF METABOLOMICS IN SEARCHING FOR ACTIVE COMPOUNDS AGAINST LEISHMANIA AMAZONENSIS. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • ISHIKAWA, R. L. ; MADEIRA, T. B. ; ALMEIDA, MARIANA BORTHOLAZZI ; HIROOKA, Elisa Yoko ; CARRILHO, E. ; NIXDORF, S. L. . Quantificação de marcadores de atividade antrópica e poluição em águas superficiais por LC/MS-MS. 2018. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • ALVARENGA, V. ; WATANABE, L. S. ; RUIZ, R. M. ; CORREA, A. C. ; KAMIZAKE, N. K. K. ; ALVES, João Carlos ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . COMPARAÇÃO ENTRE O MÉTODO ISEF CONVENCIONAL E EM FLUXO PARA DETERMINAÇÃO POTENCIOMÉTRICA DE FLUORETO EM ÁGUAS. 2018. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • LOPES, C. T. ; WATANABE, L. S. ; ALMEIDA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; MAGALHAES, W. B. ; RUIZ, R. M. ; AYALA, A. H. F. ; SILVA, M. P. A. ; ISHIKAWA. R. L. ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . Aplicação de análise de imagem digital via smartphone para determinação de quinino em água tônica. 2018. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • RUIZ, R. M. ; WATANABE, L. S. ; CORREA, A. C. ; OLIVEIRA, L. L. G. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . TITULAÇÃO COULOMÉTRICA DE ÁCIDO ASCÓRBICO EM SUCO DE LARANJA UTILIZANDO ANÁLISE DE IMAGEM DIGITAL. 2018. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • SOUZA, A. A. ; ALMEIDA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; WATANABE, L. S. ; DE PAULA, J. L. R. ; Meurer, E. C. ; ARAKAWA, N. S. ; MONTEIRO, Alessandra Maffei ; Marques, L. A. ; CARRILHO, E. ; NIXDORF, S. L. . Trattinnickia rhoifolia extract profile and biomarkers determined by HRGC-MS/MS and UPLC-MS/MS for leishmaniasis treatment. 2017. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • De SOUZA, B. H. ; WATANABE, L. S. ; ALMEIDA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; WEIGERT, V. A. S. ; CARRILHO, E. ; CHRYSSAFIDIS, A. L. ; NIXDORF, S. L. . Development of a simplified HPLC method for multiresidual determination of carbamate and organophosphorus in blood and liver of companion animals. 2017. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • Marques, L. A. ; NAKAHARA, T. T. ; MADEIRA, T. B. ; ALMEIDA, M. B. ; MONTEIRO, Alessandra Maffei ; de MELO, L. G. P. ; CARRILHO, E. ; NIXDORF, S. L. . POTENTIAL OF SBSE APPLIED TO THERAPEUTIC DRUG MONITORING IN PLASMA. 2017. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • GONZAGA, N. ; WATANABE, L. S. ; MADEIRA, T. B. ; MONTEIRO, Alessandra Maffei ; CARRILHO, E. ; BELOTI, V. ; NIXDORF, S. L. . GREEN METHOD FOR LACTOSE AND LACTULOSE DETERMINATION IN MILK. 2017. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • NIXDORF, S. L. . CROMATOGRAFIA APLICADA A RESOLUÇÃO DE QUESTÕES DIVERSAS. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • LOPES, C. T. ; WATANABE, L. S. ; MADEIRA, T. B. ; DE PAULA, J. L. R. ; SILVA, M. P. A. ; VALENTE, L. J. ; NIXDORF, S. L. . POTENCIAL PARA DETECÇÃO DA MISTURA DE ÓLEO DE SOJA EM AZEITE DE OLIVA POR ESPECTROSCOPIA NO INFRAVERMELHO PRÓXIMO (NIR). 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • MADEIRA, T. B. ; WATANABE, L. S. ; DE PAULA, J. L. R. ; MAZALLI, A.V.G. ; HIROOKA, Elisa Yoko ; CARRILHO, E. ; NIXDORF, S. L. . MÉTODO SENSÍVEL E RÁPIDO PARA QUANTIFICAÇÃO SIMULTÂNEA DE XANTINAS EM PLASMA HUMANO E ANIMAL POR CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ULTRA-ALTA EFICIÊNCIA ACOPLADA A ESPECTROMETRIA DE MASSAS. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • DE PAULA, J. L. R. ; WATANABE, L. S. ; MADEIRA, T. B. ; LOPES, C. T. ; NIXDORF, S. L. . VIABILIDADE DO USO DO NIR PARA ANÁLISE RÁPIDA DA PROPORÇÃO DE ACETATO DE ETILA EM MISTURA BINÁRIA COM ETANOL. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • BARBOSA, A. P. ; WATANABE, L. S. ; DE PAULA, J. L. R. ; MADEIRA, T. B. ; FURLAN, F. F. ; NIXDORF, S. L. . VIABILIDADE NA DETERMINAÇÃO DE HORMÔNIOS VEGETAIS EM BIORREGULADORES COMERCIAIS POR HPLC-PDA. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • WATANABE, L. S. ; CORREA, A. C. ; OLIVEIRA, L. L. G. ; RUIZ, R. M. ; BOVOLENTA, Y. R. ; BELOTI, V. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . DETECÇÃO DE PERÓXIDO DE HIDROGÊNIO EM LEITE POR ANÁLISE DE IMAGEM DIGITAL. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • ALMEIDA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; WATANABE, L. S. ; CARRILHO, E. ; NIXDORF, S. L. . ANÁLISE MULTIRESÍDUOS DE CONTAMINANTES AGROINDUSTRIAIS EM ÁGUAS SUPERFICIAIS POR UHPLC-MS/MS. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • WATANABE, L. S. ; CORREA, A. C. ; OLIVEIRA, L. L. G. ; RUIZ, R. M. ; BERTOZZI, J. ; NIXDORF, S. L. ; ALVES, João Carlos ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . DESENVOLVIMENTO DE UM SISTEMA DE ANÁLISE POR INJEÇÃO SEQUENCIAL (SIA) APLICADO A DETERMINAÇÃO DE ALUMÍNIO. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • CHRYSSAFIDIS, A. L. ; De SOUZA, B. H. ; WEIGERT, V. A. S. ; LOPES, C. T. ; WATANABE, L. S. ; MADEIRA, T. B. ; NIXDORF, S. L. . MÉTODO CROMATOGRÁFICO PARA DETERMINAÇÃO MULTIRRESIDUAL DE CARBAMATOS EM AMOSTRAS BIOLÓGICAS DE ANIMAIS INTOXICADOS. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • SILVA, G. L. ; MADEIRA, T. B. ; NIXDORF, S. L. . DESENVOLVIMENTO DE MÉTODO CROMATOGRÁFICO PARA ANÁLISE DE TEORES DE CAFEÍNA E TRIGONELINA DE CAFÉS TORRADO E MOÍDO COMERCIAIS. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • RUFINO, J. V. ; MADEIRA, T. B. ; SILVA, F. C. Q. ; TROMBETA, F. B. ; ALMEIDA, M. B. ; NERY, M.M.F. ; NIXDORF, S. L. . Development and Validation of a HPLC and an UV spectrphotometric method for determination of esomeprazole in pharmaceutical preparations. 2017. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • SILVA, G. L. ; MADEIRA, T. B. ; NIXDORF, S. L. ; ZERAIK, M.L. . Simultaneous analysis of caffeine and trigonelline content in roasted commercial coffee by UPLC-DAD. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • DE PAULA, J. L. R. ; NIXDORF, S. L. . POTENCIAL EMPREGO DOS TEORES DE CAFEÍNA E TRIGONELINA DETERMINADOS POR UHPLC E NIR NA DIFERENCIAÇÃO DE COFFEA ARABICA DE CANEPHORA, VISANDO ESTABELECER O PERFIL DOS CAFÉS TORRADO E MOÍDO COMERCIAIS BRASILEIROS. 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • WATANABE, L. S. ; RUIZ, R. M. ; LOPES, C. T. ; ALVES, D. P. ; CORREA, A. C. ; MADEIRA, T. B. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . DESENVOLVIMENTO DE SISTEMA UTILIZANDO SMARTPHONE PARA AQUISIÇÃO E ANÁLISE DE IMAGENS DIGITAIS PARA A DETERMINAÇÃO DE ÍONS DICROMATO. 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • SILVA, M. P. A. ; MADEIRA, T. B. ; WATANABE, L. S. ; AYALA, A. H. F. ; CARRILHO, E. ; NIXDORF, S. L. . CARBOIDRATOS COMO MARCADORES DE QUALIDADE DETERMINADOS POR CROMATOGRAFIA LÍQUIDA E ESPECTROSCOPIA NIR EM AMOSTAS DE CAFÉS TORRADOS E MOÍDOS. 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • VALENTE, L. J. ; MADEIRA, T. B. ; ALMEIDA, M. B. ; NERY, M.M.F. ; CARRILHO, E. ; NIXDORF, S. L. . MÉTODOS CROMATOGRÁFICO E ESPECTROFOTOMÉTRICO PARA QUANTIFICAÇÃO DE ESOMEPRAZOL EMPREGADO NO TRATAMENTO DE REFLUXO GASTROESOFÁGICO. 2017. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • NIXDORF, S. L. . A cromatografia como ferramenta na investigação de adulterações em alimentos. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • MADEIRA, T. B. ; WATANABE, L. S. ; SILVA, G. L. ; SILVA, M. A. ; NAKAHARA, T. T. ; LOPES, C. T. ; SILVA, M. P. A. ; ALMEIDA, M. B. ; VALENTE, L. J. ; HIROOKA, Elisa Yoko ; NIXDORF, S. L. . Potencial da espectroscopia no infravermelho próximo em mensurar teores de umidade e metilxantinas em cafés torrado e moído comerciais. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • ALMEIDA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; SILVA, G. L. ; SILVA, M. A. ; NAKAHARA, T. T. ; LOPES, C. T. ; SILVA, M. P. A. ; Marques, L. A. ; HIROOKA, Elisa Yoko ; NIXDORF, S. L. . Avaliação do potencial da cafeína e trigonelina como marcadores químicos para discriminação de amostras puras e blends de cafés arábica, conilon, torrado e moído comerciais e adulterantes. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • ALMEIDA, M. B. ; SILVA, M. A. ; NAKAHARA, T. T. ; SILVA, M. P. A. ; Marques, L. A. ; MADEIRA, T. B. ; MONTEIRO, Alessandra Maffei ; NIXDORF, S. L. . Caracterização de cafés torrado e moído puros, comerciais e adulterados a partir dos teores de carboidratos. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • OLIVEIRA, L. L. G. ; RUIZ, R. M. ; CORREA, A. C. ; ALVES, João Carlos ; NIXDORF, S. L. ; BERTOZZI, J. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . Desenvolvimento e Validação de um Sistema por Análise Sequencial aplicado a Determinação de Vanádio em Água. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • NIXDORF, S. L. . APLICAÇÃO DA CROMATOGRAFIA LÍQUIDA NA BUSCA DE RESOLUÇÃO DE QUESTÕES DIVERSAS. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • ALMEIDA, M. B. ; VALENTE, L. J. ; SILVA, G. L. ; CARRILHO, E. ; NIXDORF, S. L. . BIOMARCADOR DE ESTRESSE OXIDATIVO CAPAZ DE AUXILIAR NA DISTINÇÃO DE PACIENTE COM LEUCEMIA LINFOBLÁSTICA AGUDA. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MADEIRA, T. B. ; WATANABE, L. S. ; SILVA, G. L. ; SILVA, M. A. ; LOPES, C. T. ; SILVA, M. P. A. ; VALENTE, L. J. ; ALMEIDA, M. B. ; MONTEIRO, Alessandra Maffei ; NIXDORF, S. L. . Estabelecimento de padrão oficial de qualidade dos cafés comerciais torrados e moídos brasileiros por meio de marcadores químicos e quimiometria. 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • VALENTE, L. J. ; ALMEIDA, M. B. ; Nixdorf, Suzana Lucy . OXIDAÇÃO LIPÍDICA OBSERVADA EM PACIENTES SADIOS E COM LEUCEMIA LINFOBLÁSTICA AGUDA. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • SILVA, M. A. ; LOPES, C. T. ; SILVA, M. P. A. ; MADEIRA, T. B. ; ALMEIDA, M. B. ; NIXDORF, S. L. . PANORAMA DO MERCADO DE CAFÉS TORRADO E MOÍDO TRAÇADO POR CARBOIDRATOS. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • LOPES, C. T. ; SILVA, M. P. A. ; SILVA, G. L. ; SILVA, M. A. ; VALENTE, L. J. ; WATANABE, L. S. ; MADEIRA, T. B. ; ALMEIDA, M. B. ; NIXDORF, S. L. . QUANTIFICAÇÃO DE TRIGONELINA E CAFEÍNA DE CAFÉS TORRADO E MOÍDOS POR CROMATOGRAFIA DE ULTRA ALTA EFICIÊNCIA. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • ALMEIDA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; WATANABE, L. S. ; SILVA, G. L. ; SILVA, M. A. ; NIXDORF, S. L. . Determinação da qualidade de águas através da análise multiresíduos de pesticidas por UHPLC-MS/MS. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • HIROOKA, Elisa Yoko ; ONO, Elisabete Yurie Sataque ; BARBIN, D. F. ; SABINO, M. ; KAWAMURA, Osamu ; MADEIRA, T. B. ; WATANABE, L. S. ; NIXDORF, S. L. . Vigilância em micotoxinas com ênfase em milho e trigo: treinamento em analítica avançada vs rápido aplicado em monitoramento, manejo agrícola e processamento visando controle em produtos derivados. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • NIXDORF, S. L. . Cromatografia líquida de alta eficiência: HPLC e U-HPLC. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • NIXDORF, S. L. . Aplicação da cromatografia líquida HPLC e UPLC-MS/MS na investigação e resolução de desafios diversos. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • HIROOKA, Elisa Yoko ; BARBIN, D. F. ; SABINO, M. ; MADEIRA, T. B. ; WATANABE, L. S. ; KURODA, Emília Kiyomi ; ONO, Elisabete Yurie Sataque ; NIXDORF, S. L. ; ITANO, Eiko Nakagawa ; HARADA, K. ; KAWAMURA, Osamu . MÉTODOS DE REFERÊNCIA, MÉTODOS RÁPIDOS E MÉTODOS FUTUROS. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • NIXDORF, S. L. . O que você gostaria de saber quanto a qualidade do vinho brasileiro. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • MADEIRA, T. B. ; WATANABE, L. S. ; NIXDORF, S. L. . CORRELAÇÃO DE ANALÍSES DE BEBIDA, HPLC E NIR DO CAFÉ TORRADO E MOÍDO BRASILEIRO. 2016. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • WATANABE, L. S. ; BOVOLENTA, YURI RENAN ; OLIVEIRA, L. L. G. ; BELOTI, V. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . DETECCAO DE FORMOL EM LEITE POR SCANNER. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • WATANABE, L. S. ; BOVOLENTA, Y. R. ; OLIVEIRA, L. L. G. ; BELOTI, V. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . DETECCAO DE FORMOL EM LEITE POR SCANNER. 2015. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • RUIZ, R. M. ; NIXDORF S ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . UTILIZAÇÃO DO MÉTODO FOLIN-CIOCALTEAU NA ANÁLISE DE IMAGENS DIGITAIS POR SCANNER PARA DETERMINAÇÃO DE POLIFENÓIS TOTAIS. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • MADEIRA, T. B. ; WATANABE, L. S. ; CASTILHO, D. C. ; SILVA, G. L. ; BOVOLENTA, YURI RENAN ; NIXDORF, S. L. . POTENCIAL APLICAÇÃO DA CONCENTRAÇÃO DE CARBOIDRATOS TOTAIS NA DIFERENCIAÇÃO DE CAFÉ ARÁBICA E ROBUSTA. 2015. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • BOVOLENTA, Y. R. ; YAMAMOTO, LILIAN YUKARI ; WATANABE, L. S. ; MADEIRA, T. B. ; HERMOSÍN-GUTIÉRREZ, Isidro ; NIXDORF, S. L. . ANTOCIANINAS DAS CASCAS DE UVA ?ISABEL?. 2015. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • RUFINO, J. V. ; MADEIRA, T. B. ; SILVA, F. C. Q. ; TROMBETA, F. B. ; ALMEIDA, M. B. ; NERY, M.M.F. ; NIXDORF, S. L. . VALIDAÇÃO DE MÉTODO PARA QUANTIFICAÇÃO DE ESOMEPRAZOL POR HPLC. 2015. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • BRAGA, G. C. ; MADEIRA, T. B. ; BOVOLENTA, Y. R. ; WATANABE, L. S. ; NIXDORF, S. L. . MÉTODO VALIDADO PARA DETERMINAÇÃO SIMULTÂNEA DE C-GLICOSILFLAVONAS DE Passiflora edulis E P. alata POR HPLC/PDA. 2015. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • CORREA, A. C. ; OLIVEIRA, L. L. G. ; BERTOZZI, J. ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . DESENVOLVIMENTO E VALIDAÇÃO DE UM SISTEMA DE INJEÇÃO EM FLUXO AUTOMATIZADO APLICADO A DETERMINAÇÃO DE NITRATO EM ÁGUAS. 2015. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • SILVA, M. A. ; NAKAHARA, T. T. ; Marques, L. A. ; ALMEIDA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; NIXDORF, S. L. . TEOR DE CARBOIDRATOS LIVRES EM FARINHA DE TRIGO INTEGRAL. 2015. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • SILVA, M. A. ; ALMEIDA, M. B. ; NIXDORF, S. L. . DETERMINAÇÃO DE TEOR DE CARBOIDRATADOS LIVRES EM FARINHA DE TRIGO. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • CASTILHO, D. C. ; ALMEIDA, M. B. ; NIXDORF, S. L. . ENSAIO DE DISSOLUÇÃO PARA FUMARATO DE TENOFOVIR DESOPROXILA: DESENVOLVIMENTO E AUTOMAÇÃO. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • Suzana Lucy Nixdorf ; ALMEIDA, M. B. ; MADEIRA, T. B. . Agrotóxicos e suas consequências para a Saúde e Meio Ambiente. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • NIXDORF, S. L. ; MADEIRA, T. B. . Resultados preliminares sobre a Qualidade do Café Torrado e Moído Brasileiro.. 2015. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • NAKAHARA, T. T. ; SILVA, M. A. ; LOPES, C. T. ; GALVÃO, M. C. O. ; Marques, L. A. ; MADEIRA, T. B. ; ALMEIDA, M. B. ; NIXDORF, S. L. . Determinação de atividade antioxidante em vinhos tintos do sul do Brasil. 2015. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • SILVA, M. A. ; NAKAHARA, T. T. ; SILVA, G. L. ; LOPES, S. D. ; Marques, L. A. ; ALMEIDA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; NIXDORF, S. L. . Quantificação de carboidratos em farinha de trigo integral por HPLC-HPAE-PAD. 2015. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • CORREA, A. C. ; OLIVEIRA, L. L. G. ; NIXDORF, S. L. ; NERY, M.M.F. ; ALVES, João Carlos ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . Desenvolvimento de um dissolutor automatizado para o estudo de testes de dissolução de fumarato de tenofovir desoproxila em comprimidos. 2015. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • CORREA, A. C. ; OLIVEIRA, L. L. G. ; MAGALHAES, W. B. ; BERTOZZI, J. ; NIXDORF, S. L. ; ALVES, João Carlos ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . Validação de um Sistema de Injeção em Fluxo automatizado aplicado a determinação de nitrato em águas por fotorredução. 2015. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MIRANDA, M. M. ; PANIS, C. ; SILVA, S. S. ; MACRI, J. A. ; KAWAKAMI, N. Y. ; HAYASHIDA, T. H. ; MADEIRA, T. B. ; NIXDORF, S. L. ; ACQUARO JR, V. R. ; CECCHINI, R. ; VERRI JR, W. A. ; CONCHON-COSTA, I. ; ARAKAWA, N. S. ; PAVANELLI, W. R. . Ácido Caurenóico isolado de Sphagneticola trilobata apresenta açao leishmanicida por induçao da síntese de óxido nítrico. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • NIXDORF, S. L. ; Marques, L. A. ; ALMEIDA, M. B. ; HIROOKA, Elisa Yoko . Evaluation of a home- made mini stir bar for fluoxetine determination in human plasma by PDMS SBSE/HPLC-UV applying experimental design. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • NIXDORF, S. L. ; MADEIRA, T. B. ; DOMINGUES, D. S. ; PAULI, Elis Daiane ; HIROOKA, Elisa Yoko . Roasted and Ground Coffee Adulterations Detected by HPLC. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • Nixdorf, Suzana Lucy ; ALMEIDA, M. B. ; Marques, L. A. ; Amarante, Marla Karine ; HIROOKA, Elisa Yoko . LIPID OXIDATION LEVELS OBSERVED IN PATIENTS DIAGNOSED WITH ACUTE LYMPHOBLASTIC LEUKEMIA. 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • Suzana Lucy Nixdorf ; ALMEIDA, M. B. ; Marques, L. A. ; RABITO, M. F. ; MADEIRA, T. B. . MDA IN BALB/C PLASMA INFECTED WITH LEISHMANIA AMAZONENSIS TREATED BY TOPICAL AND INTRAMUSCULAR APPLICATIONS OF TANACETUM PARTHENIUM PHYTOCHEMICAL. 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • Nixdorf, Suzana Lucy . Cromatografia (Parte 1 e 2). 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MADEIRA, T. B. ; PAULI, ELIS D. ; DOMINGUES, D. S. ; BARBIN, D. F. ; HIROOKA, Elisa Yoko ; Nixdorf, Suzana Lucy . Strategy to detect adulterations in ground roasted coffee: An association of carbohydrates content and profiles with chemometric tools. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • ALMEIDA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; IGLESIAS, A. H. ; de PAULA, F. C. C. R. ; NIXDORF, S. L. . Screening and quantification of multiresidue pesticides in surface water. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • MADEIRA, T. B. ; ALMEIDA, M. B. ; Marques, L. A. ; NIXDORF, S. L. . Carbohydrate contents use as tracer for determine coffee origin and soil type of cultivation. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • ALMEIDA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; Marques, L. A. ; Amarante, Marla Karine ; NIXDORF, S. L. . Oxidative stress: MDA as biomarker in acute lymphoblastic leukemia. 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MADEIRA, T. B. ; PAULI, ELIS D. ; DOMINGUES, D. S. ; BARBIN, D. F. ; HIROOKA, Elisa Yoko ; NIXDORF, S. L. . Strategy to detect adulterations in ground roasted coffee: An association of carbohydrates content and profiles with chemometric tools. 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • SOUZA, D. C. ; ALMEIDA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; ACQUARO JUNIOR, V. R. ; Marques, L. A. ; NIXDORF, S. L. . DESENVOLVIMENTO DE MÉTODO PARA DETERMINAÇÃO DE TEOR DE FUMARATO DE TENOFOVIR DESOPROXILA EM MATÉRIA-PRIMA E COMPRIMIDO EMPREGANDO HPLC. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • CASTILHO, D. C. ; ACQUARO JUNIOR, V. R. ; Marques, L. A. ; NIXDORF, S. L. . OTIMIZAÇÃO DA EXTRAÇÃO E QUANTIFICAÇÃO DE LACTOSE NO LEITE PASTEURIZADO EMPREGANDO HPLC. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • MADEIRA, T. B. ; NIXDORF, S. L. ; SANTANA, Henrique de . Potenciais aplicações da espectroscopia NIR no estudo de parâmetros de qualidade do café. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • ALMEIDA, M. B. ; NIXDORF, S. L. . Desenvolvimento de técnicas extrativas para análise de pesticidas. 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • ROCHA, L. R. ; CONSTANTINO, L. V. ; SILVA, A. A. R. ; YABE, M.J.S. ; NIXDORF, S. L. . CARACTERIZAçãO FíSICA E QUíMICA DE ARGILOMINERAIS PARA CONFECçãO DE DISPOSITIVOS CONCENTRADORES DE PASSIVOS AMBIENTAIS. 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • PEREIRA, C. ; FARIAS, M. S. ; OURIQUE, F. ; CONSTANTINO, L. V. ; GRINEVICIUS, V. M. A. S. ; SCHMIDT, C. A. P. ; ZIBETTI, A. W. ; BARRETO, P. L. M. ; Nixdorf, Suzana Lucy ; PEDROSA, R. C. ; SANTANNA, E. S. . Surface Response Methodology Applied to Verify Enzymatic Activity after Lactase and Transglutaminase Treatment during Diet Strawberry Ice Cream Production and Effects on Ice Crystal Size. 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • NIXDORF, S. L. . Cromatografia líquida e suas diversas aplicações. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • CONSTANTINO, L. V. ; MADEIRA, T. B. ; da SILVA, C. G. A. ; CALDAS, B. S. ; HIROOKA, Elisa Yoko ; NIXDORF, S. L. . Development of Method for Extraction and Chromatographic Determining of Free Sugars in Green Coffee Beans. 2013. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • CONSTANTINO, L. V. ; SILVA, C. H. G. A. ; CALDAS, B. S. ; HIROOKA, Elisa Yoko ; NIXDORF, S. L. . Comparison between Refractometry, Spectrophotometry and Liquid Chromatography in Determination of Total Free Sugars in Commercial Juices and Nectars of Grape and Orange. 2013. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • RABITO, M. F. ; ALMEIDA, M. B. ; IGLESIAS, A. H. ; MOREIRA, A. L. ; de PAULA, F. C. C. R. ; NIXDORF, S. L. . Development, Optimization and Validation of a Fingerprinting Method for Simultaneously Determining Guaianolide and Parthenolide in Tanacetum Parthenium (L.) Schultz-Bip Using Quality-By-Design Approach and Liquid Chromatography. 2013. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • ALMEIDA, M. B. ; RABITO, M. F. ; SILVA, E. S. ; ACQUARO JUNIOR, V. R. ; MADEIRA, T. B. ; NERY, M.M.F. ; NIXDORF, S. L. . HPLC Method for Quantifying Tenofovir Disoproxil Fumarate in Raw Material, Tablet and their Degradation Products. 2013. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • NIXDORF, S. L. . Trabalhar nao precisa ser chato - aprenda se divertindo.... 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • CONSTANTINO, L. V. ; MADEIRA, T. B. ; ALMEIDA, M. B. ; ACQUARO JR, V. R. ; HIROOKA, Elisa Yoko ; Suzana L. Nixdorf . Comparison of extraction methods for free sugar analysis in green coffee. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • ALMEIDA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; ALEXANDRINO, T. D. ; NIXDORF, S. L. . Extraction methods for oxidative stress marker ? Malondialdehyde in plasmatic samples. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • NIXDORF, S. L. . Estudo da caracterização química de cafés premiados pela boa qualidade. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • ACQUARO JR, V. R. ; CASTILHO, D. C. ; DA SILVA, L. L. ; SCUPINARI, T. ; MADEIRA, T. B. ; ALMEIDA, M. B. ; BELOTI, V. ; NIXDORF, S. L. . Optimization study of lactose extraction from pasteurized milk quantified by high performance liquid chromatography with refractive index. 2013. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • ALMEIDA, M. B. ; GUALTIERI, K. A. ; CASTRO, V. D. ; OLIVEIRA, K. B. De ; WATANABE, M. A. E. ; NIXDORF, S. L. . Estudo da toxicidade da inulina no tratamento de ratos através do biomarcador MDA. 2013. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • ALMEIDA, M. B. ; GUALTIERI, K. A. ; CASTRO, V. D. ; OLIVEIRA, K. B. De ; WATANABE, M. A. E. ; NIXDORF, S. L. . Estudo da toxicidade da inulina no tratamento de ratos através do biomarcador MDA. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • WATANABE, L. S. ; BOVOLENTA, Y. R. ; ACQUARO JUNIOR, V. R. ; NIXDORF, S. L. . Aplicação da espectroscopia do infravermelho próximo na determinação do teor de umidade do ovo em pó industrial. 2013. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • CHENDYNSKI, L. T. ; MADEIRA, T. B. ; HIROOKA, Elisa Yoko ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . Variação dos carboidratos em farinhas de trigo integrais produzidas a partir de distintas condições hídricas com atraso na colheita dos grãos. 2013. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MADEIRA, T. B. ; CHENDYNSKI, L. T. ; ALMEIDA, M. B. ; ACQUARO JR, V. R. ; NIXDORF, S. L. . Estudo da influência das variáveis temperatura e concentração ácida sobre a extração de carboidratos totais da farinha de trigo integral. 2013. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • ACQUARO JUNIOR, V. R. ; WATANABE, L. S. ; BOVOLENTA, Y. R. ; YAMADA, A. K. ; BELOTI, V. ; NIXDORF, S. L. . Espectroscopia de infravermelho próximo aplicada na análise de parâmetros de controle de qualidade do leite pasteurizado. 2013. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • BOVOLENTA, Y. R. ; WATANABE, L. S. ; CHENDYNSKI, L. T. ; ACQUARO JUNIOR, V. R. ; NIXDORF, S. L. . Teores de umidade e glicose em amostras de farinha de trigo integral por espectroscopia de infravermelho próximo. 2013. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • WATANABE, L. S. ; BOVOLENTA, Y. R. ; ACQUARO JR, V. R. ; Marques, L. A. ; NIXDORF, S. L. . VIABILIDADE DO USO DE NIR NO CONTROLE INDUSTRIAL DE UMIDADE DE OVO EM PÓ. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • CHENDYNSKI, L. T. ; MADEIRA, T. B. ; Marques, L. A. ; HIROOKA, Elisa Yoko ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . QUANTIFICAÇAO DE CARBOIDRATOS TOTAIS EM FARINHAS DE TRIGO PRODUZIDAS SOB DIFERENTES C ONDIC OES HIDRIC AS C OM ATRASO NA C OLHEITA DOS GRAOS. 2013. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MADEIRA, T. B. ; ACQUARO JR, V. R. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . PERFIL E VALORES DE REFERENCIA PARA CARBOIDRATOS TOTAIS DE CAFES VERDES PREMIADOS NO CONCURSO CAFE QUALIDADE PARANA PELA SUA BOA QUALIDADE SENSORIAL. 2013. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • BOVOLENTA, Y. R. ; WATANABE, L. S. ; CHENDYNSKI, L. T. ; ACQUARO JR, V. R. ; NIXDORF, S. L. . ESPECTROSCOPIA DE INFRAVERMELHO PROXIMO APLICADA NA DETERMINAC AO DE UMIDADE E GLIC OSE EM AMOSTRAS DE FARINHA DE TRIGO INTEGRAL. 2013. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • ACQUARO JR, V. R. ; CASTILHO, D. C. ; MADEIRA, T. B. ; ALMEIDA, M. B. ; BELOTI, V. ; NIXDORF, S. L. . PLANEJAMENTO CENTRAL COMPOSTO APLICADO NA EXTRAÇAO DE LACTOSE NO LEITE PASTEURIZADO QUANTIFICADO POR CROMATOGRAFIA LIQUIDA. 2013. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • ACQUARO JUNIOR, V. R. ; WATANABE, L. S. ; BOVOLENTA, Y. R. ; YAMADA, A. K. ; BELOTI, V. ; NIXDORF, S. L. . Espectroscopia de infravermelho próximo aplicada na determinação de teor de lipídios, proteínas, carboidratos e sólidos totais do leite pasteurizado. 2013. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • DEMINICE, R. ; AVELAR, A. ; ACQUARO JUNIOR, V. R. ; CYRINO, E. S. ; NIXDORF, S. L. . HIGH-PERFORMANCE LIQUID CHROMATOGRAPHIC DETERMINATION OF GUANIDINOACETIC ACID AND CREATINE IN HUMAN PLASMA AFTER CREATINE SUPPLEMENTATION. 2013. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • ALMEIDA, M. B. ; GUALTIERI, K. A. ; CASTRO, V. D. ; OLIVEIRA, K. B. De ; WATANABE, M. A. E. ; NIXDORF, S. L. . AVALIAÇÃO DA AUSÊNCIA DE TOXICIDADE NO TRATAMENTO DE RATOS COM INULINA DETERMINADA PELOS NÍVEIS DE MALONDIALDEÍDO POR CROMATOGRAFIA LÍQUIDA. 2013. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • ALMEIDA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; ACQUARO JR, V. R. ; ALEXANDRINO, T. D. ; RABITO, M. F. ; NERY, M.M.F. ; NIXDORF, S. L. . Definição das condições para ensaio de dissolução de comprimidos de tenofovir empregando planejamento fatorial. 2013. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • ALEXANDRINO, T. D. ; CORREA, A. C. ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NERY, M.M.F. ; ALMEIDA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; ACQUARO JR, V. R. . Desenvolvimento e validaçao de métodos para determinaçao de fumarato de tenofovir desoproxila. 2013. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • CHENDYNSKI, L. T. ; MADEIRA, T. B. ; NIXDORF, S. L. . QUANTIFICAÇÃO POR HPLC-HPAEC-PAD DE CARBOIDRATOS TOTAIS EM FARINHA DE TRIGO INTEGRAL ELABORADA POR GRÃOS NO ESTÁDIO DE MATURAÇAO FISIOLÓGICA COLHIDOS COM ATRASO. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • Marques, L. A. ; ALMEIDA, M. B. ; NIXDORF, S. L. . AVALIAÇÃO DA EXTRAÇÃO EM BARRA DE AGITAÇÃO SORTIVA DE FLUOXETINA EM PLASMA HUMANO ENRIQUECIDO POR HPLC UV/VIS. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • SOUZA, M. ; HAYASHIDA, T. H. ; ACQUARO JUNIOR, V. R. ; CASAGRANDE, R. ; MACEDO JR., F. ; AMBRÓSIO, S. R. ; NIXDORF, S. L. ; ARAKAWA, N. S. . OBTENÇÃO DE FRAÇÃO PADRONIZADA RICA DE ÁCIDO CAURENÓICO A PARTIR DE SPHAGNETICOLA TRILOBATA PRUSKI (ASTERACEAE). 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • GOVEIA, M. S. ; ROMERO, N. ; CARVALHO, G. M. ; NIXDORF, S. L. . VALIDAÇÃO DE MÉTODO CROMATOGRÁFICO PARA QUANTIFICAÇÃO DE ÁCIDO GÁLICO EM NANOPARTÍCULA DE AMIDO ACETILADO. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • ALEXANDRINO, T. D. ; NERY, M.M.F. ; NIXDORF, S. L. . DESENVOLVIMENTO E VALIDAÇÃO DE MÉTODO PARA DETERMINAÇÃO ANALÍTICA DE FUMARATO DE TENOFOVIR DESOPROXILA POR ESPECTROFOTOMETRIA DIRETA NO UV. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • DA SILVA, L. L. ; NIXDORF, S. L. . MODELAGEM DE SORÇÃO E DESSORÇÃO DE Se(IV) E Se(VI) EM ARGILA TAMARANA VERDE. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • CASTILHO, D. C. ; CONSTANTINO, L. V. ; NIXDORF, S. L. . AVALIAÇÃO COMPARATIVA DE MÉTODO DE EXTRAÇÃO POR MICROONDAS E AGITAÇÃO ORBITAL PARA AÇÚCARES LIVRES EM CAFÉ VERDE DETERMINADOS POR HPLC. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • PAULI, Elis Daiane ; BARBIERI, Franciele ; ABREU, Julia Estéfane Martins de ; Marques, L. A. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; SCARMÍNIO, Ieda Spacino ; NIXDORF, S. L. . CHARACTERIZATION OF COFFEE ADULTERANTS THROUGH CARBOHYDRATE PROFILE. 2012. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • NIXDORF, S. L. . Cromatografia de Alta Performance - Potencial para aplicaçoes agronômicas. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • NIXDORF, S. L. . Characterization of coffee adulterants through carbohydrate profile. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • NIXDORF, S. L. ; Marques, L. A. . PITTCON- Maior feira mundial na área de laboratórios e análises. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • MOREIRA, A. L. ; PELEGRINI, B. L. ; RABITO, M. F. ; PEREIRA, R. F. ; NIXDORF, S. L. ; FERREIRA, I. C. P. . DESENVOLVIMENTO E VALIDAÇÃO DE METODOLOGIA ANALÍTICA PARA QUANTIFICAÇÃO DO PARTENOLÍDEO NA FRAÇÃO DICLOROMETÂNICA DE Tanacetum parthenium (L.) Schultz-Bip. 2012. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • NIXDORF, S. L. . Avanços e Tendências em Equipamentos e Materiais para Laboratório. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • FERREIRA, I. C. P. ; LIMA, M. M. de S. ; NIXDORF, S. L. ; RABITO, M. F. ; MOREIRA, A. L. ; PEREIRA, R. F. . DESENVOLVIMENTO DE METODOLOGIA ANALÍTICA PARA A DETERMINAÇÃO DE 11,13- DEIDROCOMPRESSANOLÍDEO EM EXTRATOS DE TANACETUM PARTHENIUM(L.) SCHULTZ-BIP E EM FORMULAÇÃO PARA USO TÓPICO NO TRATAMENTO DA LEISHMANIOSE TEGUMENTAR. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • SOUZA, T. M. ; PRANDO, A. M. ; SANTOS, J. S. ; ISHIKAWA, A. T. ; FELÏCIO, A. L. S. M. ; GORLA, F. A. ; NIXDORF, S. L. ; MIRANDA, M. Z. ; ZUCARELI, C. ; HIROOKA, Elisa Yoko . NITROGEN FERTILIZATION IN THE PHYSICO-CHEMICAL AND TECHNOLOGICAL PROPERTIES OF WHEAT GENOTYPES. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • ISHIKAWA, A. T. ; WIETCHOREK, P. J. A. G. ; ALMEIDA FILHO, J. de T. P. e ; MARTINS, L. M. ; SANCHES, J. G. ; MEDICI, L. M. ; ONO, Elisabete Yurie Sataque ; NIXDORF, S. L. ; KAWAMURA, Osamu ; HIROOKA, Elisa Yoko . QUALITY (ANTIOXIDANT CAPACITY, TRANS-RESVERATROL, COLOR) AND SAFETY (OCHRATOXIN) IN RED WINE OF ARGENTINE AND PARANÁ STATE, BRAZIL. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • NIXDORF, S. L. . Contribuiçao da Química na Qualidade de Vida. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • MADEIRA, T. B. ; SILVA, M. B. ; ABREU, Julia Estéfane Martins de ; BORTHOLAZZI, D. P. ; SCHOLZ, Maria Brígida dos Santos ; NIXDORF, S. L. . Estudo da determinação de adulteração com trigo germinado e feijão preto em café arábica. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • Marques, L. A. ; CHENDYNSKI, L. T. ; SANCHES, J. G. ; ISHIKAWA, A. T. ; HIROOKA, Elisa Yoko ; NIXDORF, S. L. . Avaliação de Parâmetros de Qualidade em Vinhos de Mesa do Paraná. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • CALDAS, B. S. ; SILVA, C. H. G. A. ; CONSTANTINO, L. V. ; NIXDORF, S. L. . Comparação entre HPLC-RID, graus Brix e Fenol-Sulfúrico na determinação de açúcares totais em suco integral e néctares de laranja. 2012. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • GORLA, F. A. ; SANCHES, J. G. ; FELÏCIO, A. L. S. M. ; NIXDORF, S. L. . COMPARAÇÃO ENTRE PLS E ANN NA CONSTRUÇÃO DE MODELO PARA PREDIÇÃO DE UMIDADE EM CAFÉ SOLÚVEL. 2012. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • GORLA, F. A. ; SANCHES, J. G. ; FELÏCIO, A. L. S. M. ; NIXDORF, S. L. . Determinação simultânea de carboidratos e cafeína do café solúvel por espectroscopia no infravermelho próximo. 2012. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • OLIVEIRA, R. L. ; GOVEIA, M. S. ; CARVALHO, G. M. ; GALAO, O. F. ; BOROSKI, M. ; OLIVEIRA, S. M. ; NIXDORF, S. L. . Estudo da formação de nanopartículas de amido acetilado e do carregamento de antioxidante. 2012. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • CHENDYNSKI, L. T. ; MADEIRA, T. B. ; BORTHOLAZZI, D. P. ; SILVA, M. B. ; Marques, L. A. ; NIXDORF, S. L. . Detecção de carboidratos em café solúvel comercial por HPLC. 2012. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • SANCHES, J. G. ; GORLA, F. A. ; CHENDYNSKI, L. T. ; Marques, L. A. ; NIXDORF, S. L. . Capacidade antioxidante por DPPH de vinhos Bordô do Paraná. 2012. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MADEIRA, T. B. ; SILVA, M. B. ; BORTHOLAZZI, D. P. ; SCHOLZ, Maria Brígida dos Santos ; NIXDORF, S. L. . Variação do teor de carboidratos de café arábica em diferentes graus de torrefação. 2012. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • CONSTANTINO, L. V. ; NIXDORF, S. L. . Relação entre carboidratos totais e solúveis de alimentos para ruminantes utilizando as técnicas de HPAEC-PAD e HPLC-RID. 2012. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • BORTHOLAZZI, D. P. ; SILVA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; NIXDORF, S. L. . Arroz e trigo não beneficiado misturados ao café torrado e moído. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • CONSTANTINO, L. V. ; NIXDORF, S. L. . DETERMINAÇÃO DA COMPOSIÇAO DE CARBOIDRATOS POR HPAEC-PAD EM RAÇÃO ANIMAL. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • ALMEIDA, M. B. ; RABITO, M. F. ; BRITTA, E. A. ; NAKAMURA, C. V. ; NIXDORF, S. L. ; FERREIRA, I. C. P. . DOSEAMENTO DE MDA EM PLASMA SANGUÍNEO DE CAMUNDONGOS INFECTADOS COM LEISHMANIA AMAZONENSIS E TRATADOS COM FRAÇÃO DE TANACETUM PARTHENIUM (L.) SCHULTZ-BIP. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • Marques, L. A. ; SANCHES, J. G. ; WIETCHOREK, P. J. A. G. ; PELISER, O. ; ISHIKAWA, A. T. ; HIROOKA, Elisa Yoko ; HERMOSÍN-GUTIÉRREZ, Isidro ; NIXDORF, S. L. . AVALIAÇÃO DE PARÂMETROS ANALÍTICOS DE QUALIDADE E SEGURANÇA EM VINHOS DE MESA DO PARANÁ. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • CONSTANTINO, L. V. ; CALDAS, B. S. ; SILVA, C. H. G. A. ; NIXDORF, S. L. . COMPARATIVO DE TEOR DE AÇÚCARES TOTAIS EM SUCOS E NÉCTARES DE UVA E LARANJA EMPREGANDO GRAUS BRIX, FENOL-SULFÚRICO E HPLC-RID. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • SILVA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; BORTHOLAZZI, D. P. ; SCHOLZ, Maria Brígida dos Santos ; NIXDORF, S. L. . CARACTERIZAÇÃO DE FRAUDES DO PÓ DE CAFÉ POR ARROZ E TRIGO NÃO BENEFICIADO. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • SILVA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; BORTHOLAZZI, D. P. ; SCHOLZ, Maria Brígida dos Santos ; NIXDORF, S. L. . SERÁ QUE É POSSÍVEL PERCEBER A ADIÇÃO DE AÇÚCAR MASCAVO E TRIGUILHO NO NOSSO CAFEZINHO?. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • MADEIRA, T. B. ; SILVA, M. B. ; BORTHOLAZZI, D. P. ; SCHOLZ, Maria Brígida dos Santos ; NIXDORF, S. L. . MODELOS DE PREVISÃO DE ADULTERAÇÃO DE CAFÉ ARÁBICA COM TRIGO GERMINADO E FEIJÃO PRETO. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • SILVA, E. S. ; ALMEIDA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; SILVA, M. B. ; GOVEIA, M. S. ; RABITO, M. F. ; NERY, M.M.F. ; NIXDORF, S. L. . VALIDAÇÃO DE MÉTODO PARA DETERMINAÇÃO DO ANTIRRETROVIRAL TENOFOVIR POR HPLC. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • RABITO, M. F. ; MOREIRA, A. L. ; PELEGRINI, B. L. ; ALMEIDA, M. B. ; de PAULA, F. C. C. R. ; CAMPOS, T. ; NIXDORF, S. L. ; FERREIRA, I. C. P. . DESENVOLVIMENTO DE MÉTODO POR CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ULTRAPERFORMANCE UTILIZANDO PLANEJAMENTO QUALITY BY DESIGN PARA DETERMINAÇÃO DE LACTONAS SESQUITERPÊNICAS DO TANACETUM PARTHENIUM (L.) SCHULTZ-BIP. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • MADEIRA, T. B. ; SILVA, M. B. ; ABREU, Julia Estéfane Martins de ; BORTHOLAZZI, D. P. ; SCHOLZ, Maria Brígida dos Santos ; NIXDORF, S. L. . INFLUÊNCIA DO GRAU DE TORRA NO TEOR DE CARBOIDRATOS EM CAFÉ ARABICA. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • ACQUARO JR, V. R. ; MADEIRA, T. B. ; SILVA, M. B. ; CHENDYNSKI, L. T. ; BORTHOLAZZI, D. P. ; NIXDORF, S. L. . TEOR DE CARBOIDRATOS EM CAFÉS SOLÚVEIS COMERCIALIZADOS NO BRASIL. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • GORLA, F. A. ; DOMINGUES, D. S. ; CRISTIANO, V. ; ACQUARO JR, V. R. ; NIXDORF, S. L. . SIMILARIDADE DE TEORES DE CARBOIDRATOS EM CAFÉ EMPREGANDO HPLC-UV-VIS COM REAÇÃO PÓS-COLUNA E NIR. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • SILVA, C. H. G. A. ; CONSTANTINO, L. V. ; CALDAS, B. S. ; RABITO, M. F. ; NIXDORF, S. L. . MÉTODOS DE EXTRAÇÃO DE CARBOIDRATOS SOLÚVEIS DO CAFÉ VERDE POR MICROONDAS E AGITAÇÃO ORBITAL. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • MODESTO, A. L. ; CRISTIANO, V. ; PAULI, Elis Daiane ; GOVEIA, M. S. ; NIXDORF, S. L. . VALIDAÇÃO DE MÉTODO EMPREGANDO IMUNOAFINIDADE E HPLC- FLUORESCÊNCIA COM INCERTEZA ASSOCIADA NA DETERMINAÇÃO DE OCRATOXINA A EM GRÃO DE CAFÉ VERDE. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • DOMINGUES, D. S. ; PAULI, Elis Daiane ; ABREU, Julia Estéfane Martins de ; MASSURA, Francys Wiliam ; CRISTIANO, V. ; YABE, M.J.S. ; NIXDORF, S. L. . LIQUID CHROMATOGRAPHIC METHODS: AMPEROMETRIC AND ULTRAVIOLET-VISIBLE POST-COLUMN WITH DERIVATIZATION APPLIED FOR DETECT ROASTED AND GROUND COFFEE ADULTERATION. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • PEREIRA, C. ; CONSTANTINO, L. V. ; SCHMIDT, C. A. P. ; MATTANA, A. ; NIXDORF, S. L. ; SANT´ANNA, E. S. . DESENVOLVIMENTO E AVALIAÇÃO DO EFEITO DA ADIÇÃO DA ENZIMA DA LACTASE EM SORVETE DE MORANGO DIET COM ADIÇÃO DE CONCENTRADO PROTÉICO DE SORO E EDULCORANTE. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • SILVA, M. B. ; NIXDORF, S. L. . CAFÉ EM PÓ - PURO OU ADULTERADO?. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • GOVEIA, M. S. ; OLIVEIRA, R. L. ; CARVALHO, G. M. ; NIXDORF, S. L. . VALIDAÇÃO DE MÉTODO CROMATOGRÁFICO PARA QUANTIFICAÇÃO DE BHT EM NANOPARTÍCULA DE AMIDO ACETILADO. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • BORTHOLAZZI, D. P. ; SILVA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; NIXDORF, S. L. . ESTUDO CENTRÓIDE SIMPLEX DE MISTURA DE ARROZ E TRIGO NÃO BENEFICIADO AO CAFÉ TORRADO E MOÍDO. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • CALDAS, B. S. ; da SILVA, C. G. A. ; CONSTANTINO, L. V. ; NIXDORF, S. L. . CROMATOGRAFIA LÍQUIDA X REFRATÔMETRIA: COMPARAÇÃO DE TÉCNICAS PARA DETERMINAÇÃO DE AÇÚCARES SOLÚVEIS EM SUCO DE UVA INTEGRAL E NÉCTARES DE UVA. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • CONSTANTINO, L. V. ; CALDAS, B. S. ; da SILVA, C. G. A. ; NIXDORF, S. L. . ESPECTROFOTOMETRIA X CROMATOGRAFIA LÍQUIDA: DETERMINANDO AÇÚCARES EM SUCOS INTEGRAIS E NÉCTARES COMERCIAIS DE LARANJA. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • SOUZA, M. ; MONPIAN, K. C. ; CONSTANTINO, L. V. ; NIXDORF, S. L. . SOMOGYI-NELSON X DNS: COMPARAÇÃO DE MÉTODOS ESPECTROFOTOMÉTRICOS PARA DETERMINAÇÃO DE AÇÚCARES REDUTORES EM CAFÉS SOLÚVEIS COMERCIAIS. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • Marques, L. A. ; CHENDYNSKI, L. T. ; SANCHES, J. G. ; ISHIKAWA, A. T. ; NIXDORF, S. L. . AVALIAÇÃO DA COR E ACIDEZ DOS VINHOS DE MESA BORDÔ ELABORADOS NO SUDOESTE E OESTE DO PARANÁ. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • CHENDYNSKI, L. T. ; MADEIRA, T. B. ; BORTHOLAZZI, D. P. ; SILVA, M. B. ; Marques, L. A. ; NIXDORF, S. L. . QUANTIFICAÇÃO DE CARBOIDRATOS EM CAFÉ SOLÚVEL COMERCIAIS POR HPLC-HPAE-PAD. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • GORLA, F. A. ; SANCHES, J. G. ; FELÏCIO, A. L. S. M. ; NIXDORF, S. L. . CONSTRUÇÃO DE MODELO DE CALIBRAÇÃO PARA PREDIÇÃO DE UMIDADE EM CAFÉ SOLÚVEL EMPREGANDO NIR. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • SANCHES, J. G. ; GORLA, F. A. ; CHENDYNSKI, L. T. ; Marques, L. A. ; NIXDORF, S. L. . DETERMINAÇÃO DA CAPACIDADE ANTIOXIDANTE DE VINHOS DE MESA PARANAENSES ELABORADOS COM A VARIEDADE BORDÔ. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • ACQUARO JR, V. R. ; MADEIRA, T. B. ; SILVA, M. B. ; CHENDYNSKI, L. T. ; BORTHOLAZZI, D. P. ; NIXDORF, S. L. . Concentraçao de carboidratos em cafés solúveis comerciais. 2012. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • GOVEIA, M. S. ; MAINARDI, Ana Claudia ; GORLA, F. A. ; DINIZ, Andréa ; PAOLIELLO, Monica Maria Bastos ; NIXDORF, S. L. . PARÂMETROS DE VALIDAÇÃO DE MÉTODO CROMATOGRÁFICO PARA MONITORAMENTO DE EXPOSIÇÃO OCUPACIONAL AO CHUMBO. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • CALDAS, B. S. ; da Silva, F. R. ; MATSUNAKA, F. S. ; DIAS, J. P. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; LOBO, I. ; NIXDORF, S. L. . Avaliação da eficiência do tratamento de efluente de lavagem de carros por eletroflotação com eletrodos de ferro e. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • SANCHES, J. G. ; GORLA, F. A. ; FELÍCIO, A. L. de S. M. ; NIXDORF, S. L. . Avaliação da espectroscopia NIR aplicada na determinação de teores. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • FELÍCIO, A. L. de S. M. ; NIXDORF, S. L. ; YABE, M.J.S. . Avaliação da sorção do herbicida Diuron em amostras de solo, sedimento ativo e argila usando o modelo de isotermas de Freundlich. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • FELÍCIO, A. L. de S. M. ; GORLA, F. A. ; ABREU, Julia Estéfane Martins de ; CHENDYNSKI, L. T. ; NIXDORF, S. L. ; YABE, M.J.S. . Determinação do Ponto de Efeito Salino Nulo para amostras de área de. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • RIEGER, S. C. ; GOVEIA, M. S. ; NIXDORF, S. L. ; FARIAS, T. J. . Identificação dos compostos fenólicos de Inga marginata (Fabaceae). 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • FABIO, F. M. ; CESÁRIO, Jéferson Moriconi ; ALVES, João Carlos ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . Aplicação de radiação UV como fotorredutor de nitrato a nitrito na determinação colorimétrica de nitrato em sistema FIA. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • FELÍCIO, A. L. de S. M. ; YABE, M.J.S. ; GORLA, F. A. ; HIROOKA, Elisa Yoko ; NIXDORF, S. L. . Transport evaluation of the herbicide diuron and its metabolites simultaneously detectes by HPLC-DAD. 2011. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • PAULI, Elis Daiane ; ABREU, Julia Estéfane Martins de ; DOMINGUES, D. S. ; NIXDORF, S. L. . Characterization of the Carbohydrate content in different Grains using HPLC-HPAE-PAD and Chemometrics to Evaluate Adulteration in Roasted and Ground Coffee. 2011. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • PAULI, Elis Daiane ; BARBIERI, Franciele ; SCARMÍNIO, Ieda Spacino ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . Verification of Coffee Quality by Chemometrics and Chromatographic Profiles of Arabica and Canephora Coffea, Husks and Sticks. 2011. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • GOVEIA, M. S. ; SCHEEL, P. C. ; OLIVEIRA, Carlos Eduardo Coral de ; ODA, Julie Massayo Maeda ; WATANABE, M. A. E. ; NIXDORF, S. L. . LEVELS OF MDA DETERMINED BY HPLC IN PATIENTS WITH LEUKEMIA. 2011. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • GORLA, F. A. ; Marques, L. A. ; SANCHES, J. G. ; CHENDYNSKI, L. T. ; FELÍCIO, A. L. de S. M. ; CRISTIANO, V. ; PAULI, Elis Daiane ; DOMINGUES, D. S. ; NIXDORF, S. L. . Galactose e manose do café solúvel empregando técnicas distintas: HPLC-UV-VIS com pós coluna e NIR. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • GORLA, F. A. ; Marques, L. A. ; CHENDYNSKI, L. T. ; SANCHES, J. G. ; FELÍCIO, A. L. de S. M. ; CRISTIANO, V. ; PAULI, Elis Daiane ; DOMINGUES, D. S. ; NIXDORF, S. L. . Galactose e manose do café solúvel empregando técnicas distintas: HPLC-UV-VIS com pós coluna e NIR. 2011. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • SANCHES, J. G. ; Marques, L. A. ; CHENDYNSKI, L. T. ; GORLA, F. A. ; FELÍCIO, A. L. de S. M. ; HIROOKA, Elisa Yoko ; NIXDORF, S. L. . Determinação dos teores de cafeína em amostras de café solúvel utilizando a espectroscopia do infravermelho próximo. 2011. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • ABREU, Julia Estéfane Martins de ; MASSURA, Francys William ; SANCHES, J. G. ; DOMINGUES, D. S. ; PAULI, Elis Daiane ; NIXDORF, S. L. . Carboidratos do açaí e triticale por HPLC-HPAE-PAD. 2011. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • CHENDYNSKI, L. T. ; Marques, L. A. ; SANCHES, J. G. ; GORLA, F. A. ; SANTOS, J. P. dos ; FELÍCIO, A. L. de S. M. ; NIXDORF, S. L. . Avaliação da precisão da espectroscopia infravermelho-próximo empregada em análises de carboidratos de café solúvel. 2011. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • Marques, L. A. ; CHENDYNSKI, L. T. ; SANCHES, J. G. ; GORLA, F. A. ; ABREU, Julia Estéfane Martins de ; FELÍCIO, A. L. de S. M. ; OLIVEIRA, Edmar Fernando de ; HIROOKA, Elisa Yoko ; NIXDORF, S. L. . Avaliação da aplicação da espectroscopia NIR no controle de qualidade de pH, acidez titulável e adição de água à vinhos. 2011. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • Marques, L. A. ; CHENDYNSKI, L. T. ; GORLA, F. A. ; ABREU, Julia Estéfane Martins de ; SANCHES, J. G. ; FELÍCIO, A. L. de S. M. ; CRISTIANO, V. ; HIROOKA, Elisa Yoko ; ONO, Elisabete Yurie Sataque ; NIXDORF, S. L. . Influência da granulometria na análise de café verde moído utilizando espectroscopia do infravermelho próximo (NIRS). 2011. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • PAULI, Elis Daiane ; BARBIERI, Franciele ; ABREU, Julia Estéfane Martins de ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . AVALIAÇÃO DE IMPUREZAS EM CAFÉ TORRADO E MOÍDO. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • GORLA, F. A. ; SANCHES, J. G. ; PAULI, Elis Daiane ; CRISTIANO, V. ; Marques, L. A. ; CHENDYNSKI, L. T. ; FELÏCIO, A. L. S. M. ; NIXDORF, S. L. . COMPARATIVO ENTRE MÉTODOS ANALÍTICOS E EQUIPAMENTOS NA DETERMINAÇAO DE CAFEÍNA EM CAFÉ SOLÚVEL ?SPRAY-DRIED?. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • SCHEEL, P. C. ; GOVEIA, M. S. ; FUJITA, Thiago Cezar ; ODA, Julie Massayo Maeda ; WATANABE, M. A. E. ; NIXDORF, S. L. . DETERMINAÇÃO DE MALONDIALDEÍDO EM PLASMA HUMANO DE PACIENTES PORTADORES DE LEUCEMIA EM LONDRINA-PR. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • PAULI, Elis Daiane ; BARBIERI, Franciele ; ABREU, Julia Estéfane Martins de ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . AVALIAÇÃO DE IMPUREZAS EM CAFÉ TORRADO E MOÍDO. 2011. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • ABREU, Julia Estéfane Martins de ; SANCHES, J. G. ; PAULI, Elis Daiane ; DOMINGUES, D. S. ; NIXDORF, S. L. . DETERMINAÇÃO DE CARBOIDRATOS EM ADULTERANTES DE CAFÉ: AÇAÍ E TRITICALE. 2011. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • GORLA, F. A. ; SANCHES, J. G. ; PAULI, Elis Daiane ; CRISTIANO, V. ; Marques, L. A. ; CHENDYNSKI, L. T. ; FELÏCIO, A. L. S. M. ; NIXDORF, S. L. . COMPARATIVO ENTRE MÉTODOS ANALÍTICOS E EQUIPAMENTOS NA DETERMINAÇAO DE CAFEÍNA EM CAFÉ SOLÚVEL ?SPRAY-DRIED?. 2011. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • SCHEEL, P. C. ; GOVEIA, M. S. ; FUJITA, Thiago Cezar ; ODA, Julie Massayo Maeda ; WATANABE, M. A. E. ; NIXDORF, S. L. . DETERMINAÇÃO DE MALONDIALDEÍDO EM PLASMA HUMANO DE PACIENTES PORTADORES DE LEUCEMIA EM LONDRINA-PR. 2011. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • SILVA, M. B. ; RABITO, M. F. ; NERY, M.M.F. ; NIXDORF, S. L. . Avaliação Físico-Química de Cápsulas Manipuladas de Fluconazol 150 mg. 2011. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • DINIZ, Andréa ; CUNHA, E. E. ; RISSO, W. E. ; NIXDORF, S. L. ; GOBBO NETO, L. ; LOPES, N. P. . Pharmacokinetic evaluation of C-glycosyl flavonoid Vicenin-2 in rats. 2011. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • GOVEIA, M. S. ; NIXDORF, S. L. . QUANTIFICAÇÃO DE MDA EM PLASMA HUMANO EM PACIENTES PORTADORES DE LEISHMANIOSE POR CROMATOGRAFIA LÍQUIDA COM ARRANJO DE DIODOS. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • SCHEEL, P. C. ; GOVEIA, M. S. ; NIXDORF, S. L. . QUANTIFICAÇÃO POR HPLC-PDA DO BIOMARCADOR PLASMÁTICO MALONDIALDEÍDO EM PACIENTES LEUCÊMICOS. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • CHENDYNSKI, L. T. ; Marques, L. A. ; SANCHES, J. G. ; NIXDORF, S. L. . APLICAÇÃO DE NIR COMERCIAL PARA AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO DE MEDIÇÃO DE UMIDADE E COMPARAÇÃO COM MÉTODOS CLÁSSICOS. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • GORLA, F. A. ; SANCHES, J. G. ; Marques, L. A. ; NIXDORF, S. L. . DETERMINAÇÃO DE CAFEÍNA EM CAFÉ SOLÚVEL: UMA COMPARAÇÃO ENTRE TÉCNICAS. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • ABREU, Julia Estéfane Martins de ; MASSURA, Francys Wiliam ; SANCHES, J. G. ; DOMINGUES, D. S. ; PAULI, Elis Daiane ; NIXDORF, S. L. . CARACTERIZAÇÃO E DISTINÇÃO DAS MATRIZES DE AÇAÍ E TRITICALE NA ADULTERAÇÃO DE CAFÉ. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • Marques, L. A. ; CHENDYNSKI, L. T. ; FELÏCIO, A. L. S. M. ; GORLA, F. A. ; SANCHES, J. G. ; ABREU, Julia Estéfane Martins de ; NIXDORF, S. L. . Aplicação da espectroscopia NIR para o controle de qualidade de pH e acidez titulável e avaliação qualitativa da adição de água a vinhos. 2011. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • CHENDYNSKI, L. T. ; Marques, L. A. ; FELÏCIO, A. L. S. M. ; GORLA, F. A. ; SANCHES, J. G. ; ABREU, Julia Estéfane Martins de ; NIXDORF, S. L. . Aplicação da espectroscopia no infravermelho próximo (NIR) comparado a métodos clássicos na medição de umidade. 2011. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • CHENDYNSKI, L. T. ; Marques, L. A. ; FELÏCIO, A. L. S. M. ; GORLA, F. A. ; SANCHES, J. G. ; NIXDORF, S. L. . Avaliação da precisão na aplicação da espectroscopia infravermelho próximo na determinação de carboidratos de café solúvel. 2011. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • FELÏCIO, A. L. S. M. ; ABREU, Julia Estéfane Martins de ; NIXDORF, S. L. ; SANTOS, J. P. dos ; YABE, M.J.S. . Avaliação do comportamento de sorção e dessorção do Diuron e seus metabólitos em amostras de argila. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • SCHEEL, P. C. ; NIXDORF, S. L. . Derivatização do malondialdeído com a 2,4-dinitrofenilhidrazina para a determinação em HPLC-PDA. 2011. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • FABIO, F. M. ; DUA, T. E. ; BERTOZZI, J. ; ALVES, João Carlos ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . CONSTRUÇÃO DE COLORÍMETRO DE BAIXO CUSTO PARA DETERMINAÇÃO DE DEMANDA QUÍMICA DE OXIGÊNIO (DQO) EM ÁGUAS RESIDUÁRIAS. 2011. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • ABREU, Julia Estéfane Martins de ; MASSURA, Francys William ; SANCHES, J. G. ; DOMINGUES, D. S. ; PAULI, Elis Daiane ; NIXDORF, S. L. . AVALIAÇÃO DE QUALIDADE DO CAFÉ TORRADO E MOÍDO COM DISTINÇÃO DE ADULTERANTES POR PERFIS CROMATOGRÁFICOS. 2011. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • CALDAS, B. S. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . AVALIAÇÃO DA EFICIÊNCIA DO TRATAMENTO DE EFLUENTE PROVENIENTE DA LAVAGEM DE CARROS EMPREGANDO ELETROFLOTAÇÃO COM ELETRODOS DE FERRO E ALUMÍNIO. 2011. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • BUQUI, Gabriela Amaral ; PEREIRA, R. F. ; LOPES, N. P. ; NIXDORF, S. L. ; SANJUÁN, M.M. . Preclinical Evaluation of Intestinal Absorption of Cglycoside Flavonoid Vicenin2 and Aglycone Flavonoid Quercetin. 2011. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • OLIVEIRA, Edmar Fernando de ; NIXDORF, S. L. ; DOMINGUES, D. S. ; VICENTINI, M.B. ; MANDARINO, M. G. ; CARRÃO-PANIZZI, M.C ; OLIVEIRA, M.A. . ISOFLAVONAS EM SOJA VERDE IN NATURA E BRANQUEADOS. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MORAES, Jaqueline Tobias de ; ABREU, Julia Estéfane Martins de ; GORLA, F. A. ; LOPES, G. C. ; DINIZ, Andréa ; ANDREI, César Cornélio ; NIXDORF, S. L. . Controle físico-químico da Equisetum giganteum. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • PAULI, Elis Daiane ; CRISTIANO, V. ; NAKAMURA, Estéfano ; ABREU, Julia Estéfane Martins de ; BARBIERI, Franciele ; SCARMÍNIO, Ieda Spacino ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . DETERMINAÇÃO DE ADULTERANTES EM CAFÉ EMPREGANDO HPAEC-PAD E QUIMIOMETRIA. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • PAULI, Elis Daiane ; CRISTIANO, V. ; LOBO, I. ; FÚNGARO, M.H. P. ; SARTORI, D. ; NIXDORF, S. L. . OTA, CARBOIDRATOS, DEFEITOS E MICROBIOTA FÚNGICA EM DIFERENTES QUALIDADES DE BEBIDAS DE CAFÉ. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • ALMEIDA FILHO, J. de T. P. e ; OLIVEIRA, Edmar Fernando de ; SILVA, Dani Luce Doro da ; HIROOKA, Elisa Yoko ; NIXDORF, S. L. . OTA, CONCENTRAÇÃO DE RESVERATROL E ATIVIDADE ANTIOXIDANTE EM VINHOS DA REGIÃO SUL DO BRASIL. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • ABREU, Julia Estéfane Martins de ; PAULI, Elis Daiane ; NIXDORF, S. L. . DETECÇÃO DE TRIGO E MILHO ADICIONADOS AO CAFÉ TORRADO. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • GOVEIA, M. S. ; MAINARDI, Ana Claudia ; BEZERRA, Cristiane Nascimento ; DINIZ, Andréa ; PAOLIELLO, Monica Maria Bastos ; NIXDORF, S. L. . EXPOSIÇÃO OCUPACIONAL AO CHUMBO DETERMINADO POR ALA NA URINA EMPREGANDO HPLC. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • PEREIRA, R. F. ; GOVEIA, M. S. ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; DINIZ, Andréa . ABSORÇÃO INTESTINAL DA QUERCETINA. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • FELÍCIO, A. L. de S. M. ; GORLA, F. A. ; ABREU, Julia Estéfane Martins de ; CHENDYNSKI, L. T. ; NIXDORF, S. L. ; YABE, M.J.S. . Análise de parâmetros físicos e químicos de amostras de solo provenientes de área de plantio de cana-de-açúcar. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • ALMEIDA FILHO, J. de T. P. e ; OLIVEIRA, Edmar Fernando de ; NIXDORF, S. L. . ANALISE DA CONCENTRAÇÃO DE RESVERATROL, ATIVIDADE ANTIOXIDANTE E OTA EM VINHOS DA REGIÃO SUL DO BRASIL. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • FELÍCIO, A. L. de S. M. ; GORLA, F. A. ; CHENDYNSKI, L. T. ; NIXDORF, S. L. ; YABE, M.J.S. . ANÁLISE GRANULOMÉTRICA E PARÂMETROS QUÍMICOS DE AMOSTRAS DE SOLO. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • GOVEIA, M. S. ; GORLA, F. A. ; NIXDORF, S. L. . AVALIAÇÃO MALONDIALDEÍDO (MDA) DERIVATIZADO POR DNPH (2,4-DINITROPHENYLHYDRAZINE) EM PLASMA HUMANO DE INDIVÍDUOS PORTADORES DE LEISHMANIOSE DETERMINADO POR HPLC. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • PAULI, Elis Daiane ; BARBIERI, Franciele ; MASSURA, Francys Wiliam ; ABREU, Julia Estéfane Martins de ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; SCARMÍNIO, Ieda Spacino ; NIXDORF, S. L. . UTILIZAÇÃO DE MÉTODOS QUIMIOMÉTRICOS PARA A AVALIAÇÃO DE ADULTERANTES EM CAFÉS TORRADOS E MOÍDOS. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • BEZERRA, Cristiane Nascimento ; MAINARDI, Ana Claudia ; GOVEIA, M. S. ; PAOLIELLO, Monica Maria Bastos ; NIXDORF, S. L. ; DINIZ, Andréa . Comparativo de Sistema Extrator para Quantificação do ácido delta-aminolevulíco urinário (ALA-U) por HPLC. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MAINARDI, Ana Claudia ; BEZERRA, Cristiane Nascimento ; GOVEIA, M. S. ; PAOLIELLO, Monica Maria Bastos ; DINIZ, Andréa ; NIXDORF, S. L. . DESENVOLVIMENTO E VALIDAÇÃO DE MÉTODO POR HPLC PARA DETERMINAÇÃO DO ÁCIDO DELTA-AMINOLEVULÍNICO URINÁRIO (ALA-U). 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MASSURA, Francys Wiliam ; PAULI, Elis Daiane ; NIXDORF, S. L. . AVALIAÇÃO DE ADULTERANTES EM CAFÉS TORRADO COMERCIAIS EMPREGANDO HPLC-HPAE-PAD. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • ABREU, Julia Estéfane Martins de ; PAULI, Elis Daiane ; NIXDORF, S. L. . CARACTERIZAÇÃO DE ADULTERAÇÃO DE CAFÉ TORRADO POR TRIGO E MILHO PELO PERFIL DA COMPOSIÇÃO DE CARBOIDRATOS DAS MATRIZES E MISTURAS. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • GOVEIA, M. S. ; GORLA, F. A. ; Ehara Watanabe, Maria Angelica ; NIXDORF, S. L. . MALONDIALDEÍDO (MDA) DETERMINADO POR HPLC EM PLASMA HUMANO DE INDIVÍDUOS PORTADORES DE LEISHMANIOSE. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • PAULI, Elis Daiane ; ABREU, Julia Estéfane Martins de ; MASSURA, Francys Wiliam ; SCARMÍNIO, Ieda Spacino ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . DETERMINAÇÃO DE ADULTERAÇÃO EM CAFÉS TORRADO COMERCIAIS EMPREGANDO HPAEC-PAD E QUIMIOMETRIA. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • MAINARDI, Ana Claudia ; BEZERRA, Cristiane Nascimento ; GOVEIA, M. S. ; PEREIRA, R. F. ; DINIZ, Andréa ; PAOLIELLO, Monica Maria Bastos ; NIXDORF, S. L. . DESENVOLVIMENTO DE MÉTODO CROMATOGRÁFICO PARA QUANTIFICAÇÃO DO ÁCIDO DELTA-AMINOLEVULÍNICO URINÁRIO. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • PEREIRA, R. F. ; GOVEIA, M. S. ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; DINIZ, Andréa . VALIDAÇÃO PARA AVALIAÇÃO DA ABSORÇÃO INTESTINAL DE QUERCETINA EM RATOS UTILIZANDO COLUNA MONOLÍTICA. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • GOVEIA, M. S. ; GORLA, F. A. ; MORAES, Jaqueline Tobias de ; REICHE, E.M. V. ; OLIVEIRA, K. B. De ; CONCHON-COSTA, I. ; Ehara Watanabe, Maria Angelica ; NIXDORF, S. L. . AVALIAÇÃO DO MALONDIALDEÍDO EM PLASMA HUMANO DE PACIENTES PORTADORES DE LEISHMANIOSE POR HPLC. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • MASSURA, Francys Wiliam ; PAULI, Elis Daiane ; NIXDORF, S. L. . Determinação de teores de carboidratos de amostras de café torrado comerciais empregando HPLC-HPAE-PAD. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MAINARDI, Ana Claudia ; BEZERRA, Cristiane Nascimento ; GOVEIA, M. S. ; DINIZ, Andréa ; PAOLIELLO, Monica Maria Bastos ; NIXDORF, S. L. . MÉTODO PARA DETERMINAÇÃO DO ÁCIDO DELTA-AMINOLEVULÍNICO URINÁRIO (ALA- U) EMPREGANDO HPLC NA EXPOSIÇÃO OCUPACIONAL AO CHUMBO. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • PAULI, Elis Daiane ; BARBIERI, Franciele ; SCARMÍNIO, Ieda Spacino ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . Avaliação de adulteração em café através da determinação de carboidratos totais empregando HPAEC-PAD e quimiometria.. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • DOMINGUES, D. S. ; ABREU, Julia Estéfane Martins de ; Coutinho, Lincoln F. M. ; Coutinho, Cláudia F. B. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; YABE, M.J.S. ; NIXDORF, S. L. . Avaliação de resposta do produto comercial Roundup em relação ao padrão de referência de glifosato na detecção coulométrica por HPLC. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • PAULI, Elis Daiane ; MASSURA, Francys Wiliam ; ABREU, Julia Estéfane Martins de ; SCARMÍNIO, Ieda Spacino ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . Determinação de teores de carboidratos de amostras de café torrado comerciais empregando HPAEC-PAD.. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MORAES, Jaqueline Tobias de ; FELÍCIO, A. L. de S. M. ; ABREU, Julia Estéfane Martins de ; GORLA, F. A. ; LOPES, G. C. ; DINIZ, Andréa ; ANDREI, César Cornélio ; NIXDORF, S. L. . Perfil químico e controle físico-químico para a determinação de parâmetros para controle de qualidade da Equisetum giganteum. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • PEREIRA, R. F. ; GOVEIA, M. S. ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; DINIZ, Andréa . Avaliação pré-clínica da absorção intestinal de flavonóides. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • ABREU, Julia Estéfane Martins de ; PAULI, Elis Daiane ; NIXDORF, S. L. . ESTUDO DE MISTURAS DE ADULTERANTES EM CAFÉ TORRADO E MOÍDO APLICANDO PLANEJAMENTO CENTRÓIDE SIMPLEX. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • GOVEIA, M. S. ; GORLA, F. A. ; WATANABE, M. A. E. ; NIXDORF, S. L. . MDA UTILIZADO COMO BIOMARCADOR DE CONTAMINAÇÃO POR LEISHMANIA. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • SCHEEL, P. C. ; GOVEIA, M. S. ; NIXDORF, S. L. . DETERMINAÇÃO DE CHUMBO EM URINA DE TRABALHADORES POR HPLC. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MASSURA, Francys William ; PAULI, Elis Daiane ; NIXDORF, S. L. . Avaliaçao de adulterantes incorporados a cafés torrado e moído comerciais. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MASSURA, Francys William ; PAULI, Elis Daiane ; NIXDORF, S. L. . Determinaçao de teores de carboidratos de amostras de café torrado comerciais empregando HPLC-HPAE-PAD. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • OLIVEIRA, Edmar Fernando de ; NIXDORF, S. L. ; DOMINGUES, D. S. ; VICENTINI, M.B. ; MANDARINO, M. G. ; CARRÃO-PANIZZI, M.C ; OLIVEIRA, M.A. . Isoflavonas em soja verde in natura e branqueados. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MORAES, Jaqueline Tobias de ; ABREU, Julia Estéfane Martins de ; GORLA, F. A. ; LOPES, G. C. ; DINIZ, Andréa ; ANDREI, César Cornélio ; NIXDORF, S. L. . Controle Físico-Químico da Equisetum giganteum. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • PEREIRA, R. F. ; GOVEIA, M. S. ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; DINIZ, Andréa . Absorçao Intestinal da Quercetina. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • NIXDORF, S. L. ; HERMOSÍN-GUTIÉRREZ, Isidro . Brazilian Red Wines Made from the Hybrid Grape Cultivar Isabel: Phenolic Composition and Antioxidant Capacity. 2009. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • NIXDORF, S. L. . Avanços e tendências atuais em HPLC. Visita técnica à Universidad Castilla-La Mancha. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • PAULI, Elis Daiane ; CRISTIANO, V. ; DOMINGUES, D. S. ; DINIZ, Andréa ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . Avaliação de parâmetros para otimização e validação de metodologia para determinação de carboidratos totais em amostras de café solúvel. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • DOMINGUES, D. S. ; NIXDORF, S. L. ; TAKAHASHI, H. W. ; PAULI, Elis Daiane ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da . Sistema Instrumental Desenvolvido na UEL permite monitoramento e controle automático 24 horas via webcam de pH e condutividade do cultivo de alface hidroponica. 2009. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • CRISTIANO, V. ; SARTORI, D. ; FUNGARO, Maria Helena Pelegrinelli ; HIROOKA, Elisa Yoko ; SILVA, Dani Luce Doro da ; ONO, Elisabete Yurie Sataque ; ITANO, Eiko Nakagawa ; NIXDORF, S. L. . Brazilian green coffee beans: fungi, OTA and cup quality. 2009. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • SILVA, Dani Luce Doro da ; TAKABAYASHI, Cássia Reika ; Nixdorf, Suzana L. ; HERMOSÍN-GUTIÉRREZ, Isidro ; ONO, Elisabete Yurie Sataque ; ITANO, Eiko Nakagawa ; KAWAMURA, Osamu ; HIROOKA, Elisa Yoko . Evaluation of Ochratoxin A, phenolic compounds and antioxidant activity in wines from the Southern region of Brazil. 2009. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • BARBIERI, Franciele ; BUQUI, Gabriela Amaral ; PAULI, Elis Daiane ; DINIZ, Andréa ; Nixdorf, Suzana L. . Importância da validação demonstrada pela influência da sensibilidade na linearidade empregando-se 2 sistemas cromatográficos distintos na determinação do flavonóide vicenina-2. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • DOMINGUES, D. S. ; MASSURA, Francys Wiliam ; TAKAHASHI, H. W. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; Nixdorf, Suzana L. . Avaliação comparativa de massa fresca e teor de macro e micronutrientes em alface produzida por dois tipos de cultivo: solo e sistema hidropônico automatizado desenvolvido na UEL. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • MAINARDI, Ana Claudia ; PEREIRA, M. G. ; DINIZ, Andréa ; Nixdorf, Suzana L. . Desenvolvimento de sistema extrator e analitico para quantificaçao de cafeína em plasma. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • GOVEIA, M. S. ; BUQUI, Gabriela Amaral ; MARTINS, Elvis Perboni ; DINIZ, Andréa ; Nixdorf, Suzana L. . Avaliação da repetibilidade no teor de flavonóide ativo em dois lotes de extratos secos padronizados de lychnophora ericoides (arnica-da-serra). 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • BARBIERI, Franciele ; CALDAS, B. S. ; BUQUI, Gabriela Amaral ; DINIZ, Andréa ; Nixdorf, Suzana L. . COMPARAÇÃO DA LINEARIDADE EM DOIS SISTEMAS CROMATOGRÁFICOS UTILIZANDO FASE REVERSA PARA ANÁLISE DO FLAVONÓIDE VICENINA-2. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • PEREIRA, M. G. ; MAINARDI, Ana Claudia ; Nixdorf, Suzana L. ; DINIZ, Andréa . DESENVOLVIMENTO DE SISTEMA EXTRATOR E ANALITICO PARA QUANTIFICAÇÀO DE CAFEINA EM PLASMA. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • GOVEIA, M. S. ; BUQUI, Gabriela Amaral ; MARTINS, Elvis Perboni ; DINIZ, Andréa ; Nixdorf, Suzana L. . AVALIAÇÃO DA REPETIBILIDADE NO TEOR DE FLAVONÓIDE ATIVO EM DOIS LOTES DE EXTRATOS SECOS PADRONIZADOS DE Lychnophora ericoides (ARNICA-DA-SERRA). 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • BUQUI, Gabriela Amaral ; Nixdorf, Suzana L. ; DINIZ, Andréa . PERFIL FARMACOCINÉTICO DA ABSORÇÃO INTESTINAL DO FLAVONÓIDE C-GLICOSILADO VICENINA-2 A PARTIR DE EXTRATO SECO DE LYCHNOPHORA ERICOIDES. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • BEZERRA, Cristiane Nascimento ; GUERONI, Juliana ; MORAES, Jaqueline Tobias de ; Nixdorf, Suzana L. ; DINIZ, Andréa . ANÁLISE COMPARATIVA ENTRE O RESÍDUO SECO DE DIFERENTES SISTEMAS SOLVENTES E O TEOR EXTRATIVO DE CUMARINA EM FOLHAS DE Mikania glomerata Sprengel (GUACO).. 2009. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • PAULI, Elis Daiane ; CRISTIANO, V. ; BARBIERI, Franciele ; LOBO, I. ; Nixdorf, Suzana L. . Avaliação da influência da ocratoxina a na qualidade das bebidas mole, dura, rio, riado e riozona de cafés brasileiros empregando imunoafinidade ? HPLC/fluorescência. 2009. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • SILVA, Dani Luce Doro da ; Nixdorf, Suzana L. ; HERMOSÍN-GUTIÉRREZ, Isidro ; ONO, Elisabete Yurie Sataque ; ITANO, Eiko Nakagawa ; KAWAMURA, Osamu ; HIROOKA, Elisa Yoko . Evaluation of ochratoxin A, phenolic compounds and antioxidant activity in wines from the Southern region of Brazil. 2009. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • CRISTIANO, V. ; PAULI, Elis Daiane ; BARBIERI, Franciele ; SARTORI, D. ; RAMOS, Cleiton Inácio ; FUNGARO, Maria Helena Pelegrinelli ; HIROOKA, Elisa Yoko ; SILVA, Dani Luce Doro da ; ONO, Elisabete Yurie Sataque ; ITANO, Eiko Nakagawa ; Nixdorf, Suzana L. . Brazilian green coffee beans: fungi, OTA and cup quality. 2009. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • SOUZA, V. R. ; BARBIERI, Franciele ; BUQUI, Gabriela Amaral ; GOVEIA, M. S. ; LOPES, N. P. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; Nixdorf, Suzana L. . Otimização e validação de metodologia para determinação da flavona vicenina-2 por HPLC/UV-Vis empregada na avaliação da absorção intestinal ?in vivo? de soluções aquosas de extrato seco de lychnophora ericoides (?arnica-da-serra?). 2009. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MORAES, Jaqueline Tobias de ; ANDREI, César Cornélio ; DINIZ, Andréa ; Nixdorf, Suzana L. . Perfil cromatográfico de extração por planejamento quimiométrico de mikania glomerata empregando-se CLAE e CG/EM. 2009. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • BEZERRA, Cristiane Nascimento ; GUERONI, Juliana ; MORAES, Jaqueline Tobias de ; Nixdorf, Suzana L. ; DINIZ, Andréa . Análise comparativa entre o resíduo seco de diferentes sistemas solventes e o teor extrativo de cumarina em folhas de mikania glomerata sprengel (guaco).. 2009. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • BARBIERI, Franciele ; NAKAMURA, Estéfano ; PAULI, Elis Daiane ; Nixdorf, Suzana L. . Estudo preliminar de monossacarídeos em café. 2009. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • NAKAMURA, Estéfano ; PAULI, Elis Daiane ; BARBIERI, Franciele ; Nixdorf, Suzana L. . Caracterização de Carboidratos para Análise de Fraudes em Café. 2009. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • MORAES, Jaqueline Tobias de ; DINIZ, Andréa ; ANDREI, César Cornélio ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; Nixdorf, Suzana L. . Emprego de planejamento centróide-simplex na extraçao de ácido caurenóico de Mikania glomerata avalido por cromatografia gasosa acoplada a espectrometria de massas. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • DOMINGUES, D. S. ; Nixdorf, Suzana L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; TAKAHASHI, H. W. . Avaliaçao do desempenho do sistema automatizado para monitoramento e correçao de pH e condutividade da soluçao nutritiva aplicado ao cultivo de alface hidropônica. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • PAULI, Elis Daiane ; CRISTIANO, V. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; Nixdorf, Suzana L. . Validação de metodologia para determinação de carboidratos por HPLC/UV-Vis utilizada na triagem de autenticidade do café. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

  • SAYHUN, S. A. ; Nixdorf, Suzana L. ; DINIZ, Andréa ; JOHANSSON, L.A.P.S ; MIRANDA, L.V. ; SOUZA, José Roberto Pinto de . CONSERVAÇÃO DE RECURSO GENÉTICO PODE SER UMA FONTE DE RENDA EXTRA PARA A PEQUENA PROPRIEDADE. 2009. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • BUQUI, Gabriela Amaral ; Nixdorf, Suzana L. ; DINIZ, Andréa . PRECLINICAL CHARACTERIZATION OF INTESTINAL ABSORPTION OF C-GLYCOSIDE FALVONOID FROM Lychnophora ericoides DRYED EXTRACT. 2009. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • BEZERRA, Cristiane Nascimento ; MAINARDI, Ana Claudia ; MARTINS JUNIOR, Airton da Cunha ; GOVEIA, M. S. ; DINIZ, Andréa ; NIXDORF, S. L. ; PAOLIELLO, Monica Maria Bastos . DESENVOLVIMENTO DE SISTEMA ANALÍTICO PARA O ÁCIDO DELTA-AMINOLEVULÍNICO (ALA) POR CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ALTA PERFORMANCE. 2009. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • GOVEIA, M. S. ; NIXDORF, S. L. ; WIETCHOREK, P. J. A. G. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulineti da ; SOUZA, V. R. ; DINIZ, Andréa ; BUQUI, Gabriela Amaral . Validação de metodologia empregando coluna convencional e monolítica C-18 para a avaliação de amostras biológicas contendo extrato padronizado de lychnophora ericoides. 2008. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • SILVA, E. T. ; NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; PALAZZI, A. J. ; BUENO, Eliana Aparecida Silicz ; GONÇALVES, Angelita A. . Desenvolvimento da Tabela Periódica virtual interativa em tamanho família para ensino e pesquisa da comunidade no museu de ciência e tecnologia da UEL/Londrina. 2008. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • DOMINGUES, D. S. ; NIXDORF, S. L. ; ALVES, João Carlos ; CAMARA, Carlos Alberto Paulineti da ; TAKAHASHI, H. W. . Aplicação de sistema automatizado no monitoramento e correção de pH e condutividade em cultivo de alface hidropônica na UEL. 2007. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • CONSTANTINO, L. V. ; NIXDORF, S. L. ; PALAZZI, A. J. ; BUENO, Eliana Aparecida Silicz ; CAMARA, Carlos Alberto Paulineti da . Tabela periódica ampliada interativa desenvolvida como ferramenta de despertamento e investigação científica. 2007. (Apresentação de Trabalho/Outra).

  • NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; COUTINHO, Lincoln Figueira Marins ; MAZO, Luiz Henrique ; LANÇAS, Fernando Mauro ; OLIVEIRA, Paulo Lauro Correa de . Alternative electrochemical detection system applied to carbohydrates analysis by HPLC. 2003. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

  • NIXDORF, S. L. . Pesquisas na Internet. 2001. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • NIXDORF, S. L. . Sistema de instrumentação para cromatografia. 2001. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • NIXDORF, S. L. . Como tirar o máximo proveito de levantamentos bibliográficos de artigos e patentes. 2001. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • NIXDORF, S. L. . Metodologia de Pesquisa na WEB. 2001. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

  • PINTO, Jair Sebastião da Silva ; LANÇAS, Fernando Mauro ; NIXDORF, S. L. ; OLIVEIRA, Paulo Lauro Correa de . Coffee Oil Contents by Acellerated Solvent Extraction (ASE). 1998. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • NIXDORF, S. L. ; MATSUSHITA, M. ; SOUZA, N. E. . Colesterol em Refeições Comerciais da Cidade de Londrina (PR). 1997. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . Sistema Instrumental Para Análise em Fluxo com Detecção Amperométrica. 1997. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • OLIVEIRA, Paulo Lauro Correa de ; NIXDORF, S. L. . Sistema da Qualidade - Normas da Série ISO 9000. 1995. (Apresentação de Trabalho/Outra).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

NIXDORF, S. L. ; OLIVEIRA, Paulo Lauro Correa de ; VEIGA, P. S. . Brazilian Instant Coffee Quality. 1999.

NIXDORF, S. L. ; LANÇAS, Fernando Mauro . CROMA. 1997.

NIXDORF, S. L. . Encontro Gerencial. 1996.

NIXDORF, S. L. ; OLIVEIRA, P. L. C. . Presidência da Kraft Foods. 1996.

NIXDORF, S. L. ; OLIVEIRA, P. L. C. . Auditoria Folgers. 1996.

NIXDORF, S. L. ; OLIVEIRA, P. L. C. . ISO 9001. 1996.

NIXDORF, S. L. ; OLIVEIRA, Paulo Lauro Correa de . Grupo Cacique. 1996.

NIXDORF, S. L. . Coca-Cola Companie. 1996.

NIXDORF, S. L. ; OLIVEIRA, P. L. C. . Core Coffee. 1994.

CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; ACQUARO JUNIOR, V. R. ; CORREA, A. C. ; MADEIRA, T. B. ; WATANABE, L. S. ; ALMEIDA, M. B. ; NERY, M.M.F. ; NIXDORF S . DissolutionSIA. 2014.

CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; CORREA, A. C. ; OLIVEIRA, L. L. G. ; NIXDORF, S. L. . UTI-FIA. 2013.

CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; DOMINGUES, D. S. ; NIXDORF, S. L. . ControlHidro. 2013.

CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; CORREA, A. C. ; OLIVEIRA, L. L. G. ; NIXDORF, S. L. . AQUIS-FIA. 2012.

BELOTI, V. ; GONZAGA, N. ; MAREZE, J. ; TAMANINI, R. ; WATANABE, L. S. ; NIXDORF, S. L. . FormolFree. 2017.

BELOTI, V. ; NIXDORF, S. L. ; WATANABE, L. S. ; GONZAGA, N. ; TAMANINI, R. ; BOVOLENTA, Y. R. ; MAREZE, J. . Teste para detecção rápida de formol em leite. 2016.

SOUZA, A. A. ; OLIVEIRA, A. C. G. ; PESSOA, J. O. ; PESSOA, J. O. ; NIXDORF, S. L. . TÍTULO PROPOSTO PARA A INVENÇÃO: MATERIAL DIDÁTICO DE ESTRUTURAS ORGÂNICAS PARA ALUNOS DEFICIENTES VISUAIS. 2014.

DOMINGUES, D. S. ; TAKAHASHI, H. W. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; NIXDORF, S. L. . Sistema Instrumental Desenvolvido para controle da Qualidade da Solução Nutriente empregada no cultivo de alface hidropônica. 2007.

BELOTI, V. ; GONZAGA, N. ; MAREZE, J. ; TAMANINI, R. ; WATANABE, L. S. ; NIXDORF, S. L. . FormolFree. 2017.

NIXDORF, S. L. . CHAMADA DE PROJETOS Nº 09/2011 - PROGRAMA BOLSA TÉCNICO. 2012.

NIXDORF, S. L. . Chamada de Projetos 14/2011 -Programa de Infraestrutura para Jovens Pesquisadores - Programa Primeiros Projetos ? PPP. 2012.

NIXDORF, S. L. ; CAMARA, Carlos Alberto Paulineti da ; ALVES, João Carlos ; TAKAHASHI, H. W. . Sistema Instrumental Desenvolvido para controle da Qualidade da Solução Nutriente empregada no cultivo de alface hidropônica. 2007.

NIXDORF, S. L. ; OLIVEIRA, Paulo Lauro Correa de ; CAMARA, Carlos Alberto Paulinetti da ; MAZO, Luiz Henrique ; LANÇAS, Fernando Mauro ; CRISTIANO, V. ; MENDES, N. . Desenvolvimento metodológico e automação instrumental para determinação de carboidratos em café. 1998.

NIXDORF, S. L. . Perda de Vapor/Água/Ar Comprimido por Vazamento. 1996.

NIXDORF, S. L. ; MENDES, N. ; VICTORINO, S. . Criogênia para Purge-Trap. 1994.

NIXDORF, S. L. . Laboratório - Apresentação das análises e serviços prestados pelo Controle de Qualidade da Cia. Cacique. 1993.

NIXDORF, S. L. ; MENDES, N. ; VICTORINO, S. . Gerador de Hidrogênio. 1993.

NIXDORF, S. L. ; VICTORINO, S. . Utilização do Ar Industrial para Cromatografia. 1990.

NIXDORF, S. L. . Terminam amanhã as inscrições para o curso de espectrometria de massas. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

NIXDORF, S. L. ; MORALES, T. . 'É quase impossível perceber, a olho nu, se o café está puro ou adulterado', diz especialista. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

NIXDORF, S. L. ; ALMEIDA, l. C. ; VANZO, E. ; CORTEZ, C. . Semana de Química da UEL terá mini curso sobre produção de cerveja artesanal. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

LIVORATTI, P. ; NIXDORF, S. L. . Professora fala na China, sobre adulteração de café. 2014. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

VANZO, E. ; CORTEZ, C. ; NIXDORF, S. L. . Professora fala sobre adulteraçao de café na China. 2014. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

NIXDORF, S. L. ; WILSON, M. . Can You Distinguish Fake Coffee From The Real Stuff?. 2014. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

NIXDORF, S. L. ; CHEHAB, N. . Allergy Alert: Wheat and Soy Common in Coffee. 2014. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

NIXDORF, S. L. ; BERNSTEIN, M. ; COTTINGHAM, K. . Keeping filler ingredients out of your cup of coffee. 2014. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

NIXDORF, S. L. ; HAUSERT, A. . Bad News for Coffee Lovers. 2014. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

NIXDORF, S. L. ; BROWN, N. . Producers to blame for fraudulent fillers in ground coffees researchers say. 2014. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

Suzana Lucy Nixdorf ; DICKERSON, K. . Dirt and Corn? Test Reveals Hidden Coffee Ingredients. 2014. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

NIXDORF, S. L. ; KLIMAS, L. . Does Your Ground Coffee Have a Dirty Little Secret?. 2014. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

NIXDORF, S. L. ; ROBINSON, J. . I'd like a skinny latte... with extra mud and a shot of soya beans: How unscrupulous coffee producers are bulking out ground beans with cheaper ingredients. 2014. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

NIXDORF, S. L. ; BERNSTEIN, M. . Keeping filler ingredients out of your cup of coffee Coffee drinkers beware: Surprise ingredients may be hiding in your coffee,. 2014. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

NIXDORF, S. L. ; FURLAN, M. R. ; BERNSTEIN, M. . Quintais imortais - Keeping filler ingredients out of your cup of coffee. 2014. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

Nixdorf, Suzana Lucy ; BERNSTEIN, M. ; COTTINGHAM, K. . Science Newsline Physics&Chemistry -Keeping Filler Ingredients Out of Your Cup of Coffee. 2014. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

NIXDORF, S. L. ; METCALFE, J. . Pre-Ground Coffee Can Contain Corn, Soybeans, Twigs, Dirt. 2014. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

Nixdorf, Suzana Lucy ; HAYS, B. . That coffee may not be all coffee. 2014. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

Suzana Lucy Nixdorf ; BERNSTEIN, M. . New test detects adulterated coffee grounds. 2014. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

Suzana Lucy Nixdorf ; STOYE, E. . Test Catches Fraudulent Coffee Ingredients. 2014. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

FIUZA, T. ; LUZ, G. M. S. ; NIXDORF, S. L. . Labortatorios da UEL debatem implantacao da norma ABNT NBR 17025. 2014. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

NIXDORF, S. L. . Does that coffee taste like dirt? It could be dirt, says Brazil University. 2014. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

AGUIAR, L. ; NIXDORF, S. L. ; CONSTANTINO, L. V. . SBT Paraná - Método desenvolvido para detecçao de matéria estranha no café torrado e moído comercial. 2012. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

AGUIAR, L. ; NIXDORF, S. L. . Café livre de impurezas: método desenvolvido por cientistas da UEL pode tornar mais precisa a identificação de misturas presentes no produto. 2012. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

HERMOSÍN-GUTIÉRREZ, Isidro ; NIXDORF, S. L. . Qualidade dos Vinhos Brasileiros. 2012. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

HERMOSÍN-GUTIÉRREZ, Isidro ; NIXDORF, S. L. ; CARVALHO, A. ; NIXDORF, K. . Vinho e Saúde. 2012. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

NIXDORF, S. L. ; CONSTANTINO, L. V. ; SILVA, M. B. ; LHAMAS, E. ; SANTOS, A. dos . Especialistas ajudam você a escolher bem o seu café. 2011. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

NIXDORF, S. L. ; CONSTANTINO, L. V. ; SILVA, M. B. ; LHAMAS, E. ; SANTOS, A. dos . Pesquisa mostra o que tem misturado ao pó de café que a gente compra. 2011. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

Nixdorf, Suzana Lucy ; MADEIRA, T. B. ; WATANABE, L. S. . Vai PERDER??????. 2016; Tema: Fundamentos, Instrumentação e Aplicação de HPLC/UHPLC Acoplado a Espectrometria de Massas. (Rede social).

NIXDORF, S. L. ; ALMEIDA, l. C. ; VANZO, E. ; CORTEZ, C. . Divulgação da XXXI Semana da Química na Rádio UEL FM. 2015; Tema: Temas abordados na Semana da Química 2015. (Rede social).

NIXDORF, S. L. ; WATANABE, L. S. ; MADEIRA, T. B. ; HIROOKA, Elisa Yoko ; FREITAS, D. R. ; SOBOTTIKA, R. P. . FUNDAMENTOS, INSTRUMENTAÇÃO E APLICAÇÃO DE HPLC / U-HPLC ACOPLADO A ESPECTROMETRIA DE DE MASSAS. 2016. .

Suzana Lucy Nixdorf . Relatório Final Universal CNPq Universal 14/2012 - Tenofovir- Processo 484809/2012-1. 2016. (Relatório de pesquisa).

Suzana Lucy Nixdorf . Cromatografia (Parte 1 e 2). 2014. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

NIXDORF, S. L. . RELATÓRIO FINAL- Programa de Bolsa de Produtividade em Pesquisa-CP 12/2011- Fundaçao Araucária. 2014. (Relatório de pesquisa).

HIROOKA, Elisa Yoko ; NIXDORF, S. L. ; KURODA, Emília Kiyomi ; ISHIKAWA, A. T. ; TAKABAYASHI, Cássia Reika . Relatorio Parcial Projeto Rede Nanobio - Parte:Informaçoes de alunos e Produçoes. 2013. (Relatório de pesquisa).

NIXDORF, S. L. ; DOMINGUES, D. S. ; OLIVEIRA, Edmar Fernando de ; MORAES, Jaqueline Tobias de ; FELÏCIO, A. L. S. M. ; ABREU, Julia Estéfane Martins de ; CONSTANTINO, L. V. ; BORTHOLAZZI, D. P. ; Marques, L. A. ; GOVEIA, M. S. ; GORLA, F. A. ; ALMEIDA, M. B. ; MADEIRA, T. B. ; ACQUARO JUNIOR, V. R. ; SILVA, M. B. ; RABITO, M. F. ; PAULI, Elis Daiane ; CRISTIANO, V. . RELATÓRIO FINAL Programa de Bolsa de Produtividade em Pesquisa. 2012. (Relatório de pesquisa).

NIXDORF, S. L. . Utilização da Cromatografia Líquida (HPLC) e Gasosa (CG) como ferramenta de inspeção em alimentos humanos e animais. 2011. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

NIXDORF, S. L. . Relatório Final Projeto ALA-U. 2011. (Relatório de pesquisa).

NIXDORF, S. L. . Produçao Suzana Lucy Nixdorf Coleta CAPES. 2011. (Relatório de pesquisa).

NIXDORF, S. L. ; GORLA, F. A. ; ABREU, Julia Estéfane Martins de ; DOMINGUES, D. S. ; PAULI, Elis Daiane ; CONSTANTINO, L. V. ; SILVA, M. B. ; CRISTIANO, V. ; YABE, M.J.S. . Relatório Técnico Parcial das Atividades Desenvolvidas - Bolsa de Produtividade em Pesquisa. 2011. (Relatório de pesquisa).

Nixdorf, Suzana L. ; DINIZ, Andréa . Relatório Final Projeto Arnica. 2011. (Relatório de pesquisa).

NIXDORF, S. L. ; HIROOKA, Elisa Yoko ; ONO, Elisabete Yurie Sataque ; KURODA, Emília Kiyomi . Avanços e tendências atuais em HPLC. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

NIXDORF, S. L. ; GUEDES, Carmen Luísa Barbosa . Manual de elaboração de TCC. 2009. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Material didático e institucional).

NIXDORF, S. L. . Cromatografia: Teoria e Prática. 2006. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

NIXDORF, S. L. . Aplicações de Cromatografia. 2005. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

NIXDORF, S. L. . Cromatografia Viva. 2005. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

NIXDORF, S. L. . Curso de Cromatografia Líquida (HPLC). 1997. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

NIXDORF, S. L. . Curso de Cromatografia Gasosa. 1997. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

NIXDORF, S. L. . Curso sobre pH. 1994. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

NIXDORF, S. L. . Cuidados/Erros de Pesagem. 1991. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

NIXDORF, S. L. . Aspectos Químicos da Cores. 1991. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

NIXDORF, S. L. . Curso Básico de Cromatografia Gasosa. 1990. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

NIXDORF, S. L. . Matemática Básica. 1989. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

NIXDORF, S. L. . Grandeza Físicas. 1989. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

NIXDORF, S. L. . Qualidade do Café Solúvel. 1986. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2019 - Atual

    Soluções tecnológicas convergentes para a detecção de adulterantes, defeitos e espécies de café em grãos e café torrado e moído comercializados no Brasil, Descrição: O café é uma das bebidas mais consumidas mundialmente. Como a 2ª commodity mais valiosa, a atividade cafeeira representa divisas primordiais para o Brasil, que figura como 1º produtor/exportador e o 2º maior consumidor. Apesar desta relevância, informações sobre a composição do café torrado e moído consumido no mercado interno ainda são escassas. A falta de conhecimento se deve a complexidade da matriz, composta por carboidratos, proteínas, lipídios, cuja variabilidade depende da espécie de café, das condições edafoclimáticas, e dos processos de fabricação. Adicionalmente, o controle do produto é dificultado pela textura oleosa e aderente, coloração escura e por estar em pó. Estas características favorecem ás frequentes adições de grãos de menor valor nas 2.400 marcas comercializadas, cuja falta de regulamentação técnica, dispondo de um padrão oficial de identidade e qualidade pelo MAPA, tem dificultado á coibição de fraudes. As misturas mais frequentemente são de: adulterantes, como o milho, trigo, triguilho, soja, triticale, sementes de açaí e cevada; impurezas, como cascas e paus; C. canephora, nos blends com arabica; e grãos defeituosos (verdes, pretos, ardidos e brocados) advindos da colheita/resíduos de eletrônica. Atualmente, a qualidade do café torrado e moído é determinada pela bebida, através da avaliação sensorial, que exige um painel de especialistas habilidosos e treinados. Já, as adulterações têm sido verificadas por microscopia, método considerado subjetivo e não quantitativo. Assim, não tem sido possível identificar e quantificar a mistura de: espécies, defeitos e adulterantes, sem técnicas precisas, sensíveis e confiáveis (HPLC, RMN, PCR) e rápidas (NIR, FTIR). A comparação de resultados por várias abordagens ficam ainda inviabilizadas sem o desenvolvimento de ferramentas inovadoras, que utilizem quimiometria e visão computacional, na obtenção de soluções tecnológicas convergentes aplicáveis á assegurar qualidade do produtos.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (2) Doutorado: (3) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Lycio Shinji Watanabe - Integrante / Adriana Silva França - Integrante / ELTON MASSAROLLO - Integrante / FRANCISCO BARBOSA LIMA - Integrante / Evandro Bona - Integrante / Fatima Chieppe Parizzi - Integrante / Nilson César Castanheira Guimarães - Integrante / William Magalhães - Integrante / ALAN CARVALHO ANDRADE - Integrante / EDNA MARIA MORAIS OLIVEIRA - Integrante / EDNALDO JOSE FERREIRA - Integrante / Flávio Meira Borém - Integrante / GLAUCO ANTONIO TEIXEIRA - Integrante / Marcelo Martins de Sena - Integrante / ROGERIO NOVAIS TEIXEIRA - Integrante / Tiago Varão Silva - Integrante / RENATA GALHARDO BORGUINI - Integrante., Financiador(es): Consorcio Pesquisa Café - Auxílio financeiro.

  • 2014 - Atual

    PROGRAMA NACIONAL DE COOPERAÇÃO ACADÊMICA - PROCAD/2013 - INTEGRAÇÃO EM QUÍMICA, Descrição: A PROPOSTA PROCAD: INTEGRAÇÃO EM QUÍMICA, LIDERADA PELO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO DO INSTITUTO DE QUÍMICA DE SÃO CARLOS (IQSC), VISA A INTEGRAÇÃO DAS TRÊS ÁREAS DE CONCENTRAÇÃO DESTE PROGRAMA: FÍSICO-QUÍMICA, QUÍMICA ANALÍTICA E INORGÂNICA E QUÍMICA ORGÂNICA E BIOLÓGICA, COM VÁRIOS PROGRAMAS DE PÓS GRADUAÇÃO NO BRASIL EM UMA AÇÃO DIRETA COM ESTAS ÁREAS DE CONCENTRAÇÃO. SERÃO DESENVOLVIDOS ESFORÇOS DE PESQUISA CIENTÍFICA, INTERCÂMBIO DISCENTE E DOCENTE, E FACILITAÇÃO ACADÊMICA NAS ÁREAS DE: ELETROQUÍMICA, QUÍMICA MEDICINAL E DE PRODUTOS NATURAIS, QUÍMICA ANALÍTICA E INSTRUMENTAÇÃO, COM ÊNFASE EM SAÚDE (NOVOS FÁRMACOS E MÉTODOS ANALÍTICOS PARA DIAGNÓSTICO DE DOENÇAS), ENERGIA (CATALISADORES E CONVERSÃO QUÍMICA DE ENERGIA), E INOVAÇÃO E SUSTENTABILIDADE EM QUÍMICA. NESTE PROJETO SERÁ IMPLEMENTADA UMA REDE DE COOPERAÇÃO ACADÊMICA ENVOLVENDO AS VÁRIAS REGIÕES DO BRASIL, NOTADAMENTE QUATRO DAS CINCO REGIÕES, VISANDO O FORTALECIMENTO DOS PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÃO DESTAS REGIÕES, AINDA CARENTES DE RECURSOS HUMANOS ALTAMENTE ESPECIALIZADOS EM QUÍMICA.. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (20) / Doutorado: (10) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / Maria Josefa Santos Yabe - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Lycio Shinji Watanabe - Integrante / Maria de Almeida Silva - Integrante / Giselle Lopes Silva - Integrante / Caroline Teixeira Lopes - Integrante / Mayara Portieri Alves da Silva - Integrante / Leticia Juliani Valente - Integrante / JOSE LUCAS REZENDE DE PAULA - Integrante / HEBER ODEBRECHT VARGAS - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Outra.

  • 2013 - 2016

    AVALIAÇÃO DO EIXO HIPOTÁLAMO-HIPÓFISE-ADRENAL E DAS VIAS DOPAMINÉRGICAS EM RATOS EXPOSTOS À FLUOXETINA DURANTE A GESTAÇÃO E AMAMENTAÇÃO, Descrição: ? Edital ? Universal 14/2013 - Faixa B ? Coordenador ? Estefânia Gastaldello Moreira - Depto de Ciências Fisiológicas (CCB). , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (3) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / Estefânia Gastaldello Moreira - Coordenador., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2013 - 2015

    QUALIFICAÇÃO DE RECURSOS HUMANOS PARA ATUAÇÃO NA CADEIA DO LEITE, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Vanerli Beloti em 08/06/2014., Descrição: ? Edital ? 14/2013 Programa de Aprimoramento em Gestão da Produção e Tecnologia do Leite ? Coordenador ? Vanerli Beloti ? Laboratório de Inspeção de Produtos de Origem Animal (LIPOA)- Depto. de Medicina Veterinária Preventiva (CCA-DMVP) ? Vigência da proposta: 31/08/2015 ? Tipo de Projeto: Extensão ? Cadastro PROPPG no. 01846. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (5) / Doutorado: (5) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / Vanerli Beloti - Coordenador., Financiador(es): Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2012 - 2016

    AVALIAÇÃO DA FORMAÇÃO DE SUBPRODUTOS ORGÂNICOS HALOGENADOS MEDIANTE A APLICAÇÃO DE CLORO E DE OXIDANTES ALTERNATIVOS EM ÁGUAS CONTENDO MICROALGAS E OU CIANOBACTÉRIAS, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Emília Kiyomi Kuroda em 04/02/2013., Descrição: Financiador(es): Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. A presença de microalgas e ou cianobactérias em mananciais destinados ao abastecimento interfere diretamente na qualidade da água, o que pode comprometer a eficiência e produtividade do sistema de tratamento de água e introduzir efeitos negativos de risco à saúde pública, devido à produção de compostos potencialmente tóxicos e carcinogênicos, e de ordens estética e organoléptica pela produção de compostos que conferem odor e sabor às águas. Visando o controle, esses fatos têm motivado o uso inadvertido da pré-cloração, o que pode acarretar a promoção de lise celular com consequente liberação de metabólitos secundários ou ainda, favorecer a formação de subprodutos organohalogenados - SPOs. A Portaria 518/2004 exige apenas o controle de trialometanos com limite máximo permissível de 0,1 mg/L e não faz menção do controle da presença de outros compostos, que podem afetar igualmente a saúde da população, devendo assim, ser considerados. Diante do exposto, há necessidade premente de se investigar o potencial de formação de SPOs e possíveis efeitos ecotoxicológicos, mediante a aplicação de cloro e de oxidantes alternativos na etapa de pré-oxidação e na etapa de desinfecção ou seja, após tratamento por ciclo completo (sem a etapa de pré-cloração) a fim de fornecer subsídios técnicos e científicos quanto à alternativa mais adequada a ser utilizada em águas contendo microalgas e ou cianobactérias... , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / Elisa Yoko Hirooka - Integrante / Elisabete Yurie Sataque Ono - Integrante / Emília Kiyomi Kuroda - Coordenador / Sandra Márcia Cesário Pereira da Silva - Integrante / Fernando Fernandes - Integrante / Odete Rocha - Integrante / Ken-ichi Harada - Integrante / Luiz DiBernardo - Integrante / Regina Teresa Rosim Monteiro - Integrante., Financiador(es): Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2012 - 2016

    VIGILÂNCIA EM MICOTOXINAS COM ÊNFASE EM MILHO E TRIGO: TREINAMENTO EM ANALÍTICA AVANÇADA vs RÁPIDO APLICADO EM MONITORAMENTO, MANEJO AGRÍCOLA E PROCESSAMENTO VISANDO CONTROLE EM PRODUTOS DERIVADOS, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Elisa Yoko Hirooka em 07/03/2013., Descrição: Processo: 403398/2012-6. Chamada: Chamada MCTI/CNPq/ANVISA Nº 23/2012. R$48.800,00 O Núcleo proponente, pertencente à UEL caracteriza-se pela experiência em Imunobiotecnologia / Inovação, com potencial em avançar para o desenvolvimento de ferramentas nanobiotecnológicas e moleculares aplicadas ao setor produtivo no contexto de Segurança e Controle em Alimentos e Água e Sustentabilidade Ambiental, através de interações com Instituições nacionais e internacionais, intercâmbio de alunos e integração de pesquisadores de diferentes áreas do conhecimento. A parceria com Kagawa University envolve a doação de hibridomas produtoras de anticorpo monoclonal - AcM contra várias micotoxinas e, atingiu etapa promissora de implementação a nível nacional com produção irrestrita de AcM de alta especificidade, assegurando-nos a avançar no desenvolvimento de bioferramentas emergentes rápidas e automatizadas. Outros focos referem-se à analítica química avançada, assim como técnica física não-destrutiva e rápida com enfoque a NIR ? Near Infrared Reflectance aplicada à área de qualidade e segurança de milho, trigo e vinho e água; a técnica molecular para detecção de patogênicos já se encontra validada e, apresenta base suficiente para avançar no desenvolvimento de nanoferramenta - automação para triagem rápida em rotina laboratorial. O nosso ingresso na área de Micotoxinas ocorreu em 1984, com estudo sobre leucoencefalomalácia equina devido à ingestão de milho (Zea mays L.) ? contaminação com fumonisina, produzida principalmente por Fusarium verticillioides. O zoneamento das regiões, assim como monitoramento indicando frequente ocorrência de fumonisina em baixo-nível no Estado do Paraná, o maior produtor de Grão na Região Sul do Brasil, tem sido realizado no período de 1991 a 2004. Em paralelo, o monitoramento visando visão global da ocorrência de deoxinivalenol ? DON em trigo (Triticum aestivum L., safras 2006-2009), requer aprofundamento na investigação, considerando que o Brasil ain. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (30) / Mestrado acadêmico: (14) / Doutorado: (11) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / Elisa Yoko Hirooka - Coordenador / Sandra Garcia - Integrante / Elisabete Yurie Sataque Ono - Integrante / Emília Kiyomi Kuroda - Integrante / Eiko Nakagawa Itano - Integrante / Tereza Cristina Rocha Moreira de Oliveira - Integrante / Wilma Aparecida Spinosa - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2012 - 2015

    TESTE DE DISSOLUÇÃO E DOSEAMENTO DO TENOFOVIR - FÁRMACO UTILIZADO NO TRATAMENTO DE AIDS E HEPATITE B, Descrição: Projeto APROVADO pelo CNPq - Chamada Universal 14/2012 - Faixa A - até R$ 30.000,00. Valor aprovado R$ 20.972,00. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Mestrado acadêmico: (5) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / Felipe Augusto Gorla - Integrante / Mariana Busignani da Silva - Integrante / Mirela Fulgencio Rabito - Integrante / Marlene Maria Fregonezi Nery - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / ERIELDES SOUSA SILVA - Integrante / Elisabeth Aparecida dos Santos Gianotto - Integrante / Mayara de Souza - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 19 / Número de orientações: 6

  • 2012 - 2015

    DESENVOLVIMENTO E VALIDAÇÃO DE METODOLOGIAS ANALÍTICOS PARA A DETERMINAÇÃO DE TENOFOVIER EM MATÉRIA-PRIMA E FORMAS FARMACÊUTICAS, Descrição: Tipo de Cadastro: PROJETO CEPE/UEL - Cadastro PROPPG/UEL no. 07958 Tipo de Pesquisa: TRABALHO CIENTÍFICO Classificação: Aplicada Tempo Pr. Inicial: 036 Meses Prorrog.: - Término Previsto: 30/04/2015 Área do CNPQ: FARMACIA 24/05/2012 EM ANDAMENTO. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / Carlos Alberto Paulineti da Camara - Integrante / Leonel Vinicius Constantino - Integrante / Julia Estéfane Martins de Abreu - Integrante / Mariana Busignani da Silva - Integrante / Marlene Maria Fregonezi Nery - Coordenador / ERIELDES SOUSA SILVA - Integrante / Elisabeth Aparecida dos Santos Gianotto - Integrante / Mirela Fugencio Rabito - Integrante., Número de orientações: 1

  • 2012 - 2014

    AVALIAÇÃO DO MDA: RELAÇÃO DA INCIDÊNCIA DE LEUCEMIA E CONTAMINAÇÃO POR AGROTÓXICOS, Descrição: Projeto sob Cadastro no: 08096 na PROPPG-UEL - Tipo de Pesquisa: DISSERTAÇÃO DE MESTRADO Classificação: Aplicada; Processo: 18779 / 2012 - Término Previsto: 28/02/2014 OS ORGANISMOS AERÓBICOS APRESENTAM A FORMAÇÃO DE ESPÉCIES REATIVAS DE OXIGÊNIO (ERO) E DE NITROGÊNIO (ERN), DEVIDO AO METABOLISMO, PODENDO ACARRETAR NO ESTRESSE OXIDATIVO, QUE É O RESPONSÁVEL PELOS PROCESSOS DE: ENVELHECIMENTO, MUTAÇÃO E MORTE CELULAR, E POR PATOLOGIAS COMO: DIABETES, MAL DE PARKINSON, ATEROSCLEROSE E INDUÇÃO A DIVERSOS TIPOS DE CÂNCER. O ESTRESSE OXIDATIVO GERA PRODUTOS DE OXIDAÇÃO LIPÍDICA, SENDO O MALONDIALDEÍDO (MDA) O PRODUTO SECUNDÁRIO DESSA OXIDAÇÃO, MAIS ESTUDADO NA AVALIAÇÃO DA PEROXIDAÇÃO. O TEOR DE MDA É MENSURADO ATRAVÉS DA OBTENÇÃO DE UM CROMÓGENO DE ALTA ABSORTIVIDADE MOLAR QUANDO COMPLEXADO COM O ÁCIDO TIOBARBITÚRICO (TBA), SENDO ESTES VALORES DISTINTOS ENTRE PESSOAS SADIAS E PACIENTES COM ALGUM TIPO DE NEOPLASIA, PORÉM, AINDA SEM INTERVALOS DE REFERÊNCIA DEFINIDOS NA LITERATURA EMPREGANDO CROMATOGRAFIA. SABE-SE QUE O CRESCIMENTO NOS NÍVEIS DE INCIDÊNCIA DE CÂNCER PODEM ESTAR RELACIONADOS A EXPOSIÇÃO CONTÍNUA A INDUTORES EXTERNOS QUÍMICOS, COMO OS AGROTÓXICOS. A CONTAMINAÇÃO DA ÁGUA POR RESÍDUOS DE AGROTÓXICOS PODE AFETAR, PORTANTO, TODO O ABASTECIMENTO MUNICIPAL. A GRANDE PORCENTAGEM DE CASOS DE NEOPLASIAS MALIGNAS DURANTE A INFÂNCIA (25 A 30%) E A ELEVADA CONCENTRAÇÃO DE CASOS DE CÂNCER EM DETERMINADAS REGIÕES, INCITAM A INVESTIGAÇÃO DE FATORES CARCINOGÊNICOS PRESENTES NO AMBIENTE. SENDO ASSIM, O OBJETIVO DESDE TRABALHO SERÁ DETERMINAR UM MÉTODO SENSÍVEL, ESPECÍFICO E CONFIÁVEL PARA DETERMINAÇÃO DE TEORES DE MDA, VISANDO OBTER VALORES DE REFERÊNCIA PARA INDIVÍDUOS SAUDÁVEIS E LEUCÊMICOS, ASSIM COMO, VERIFICAR SE HÁ CONTAMINAÇÃO POR RESÍDUOS DE AGROTÓXICOS NA ÁGUA DE ABASTECIMENTO DE ARAPONGAS - PR, E SE ESTA APRESENTA ALGUMA RELAÇÃO CAUSAL,COM A ELEVADA INCIDÊNCIA DA PATOLOGIA, ESPECIALMENTE ENTRE AS CRIANÇAS NO MUNICÍPIO.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.Número de orientações: 1

  • 2012 - 2014

    AVALIAÇÃO DO TENOFOVIR(GENÉRICO) POR HPLC EMPREGADO EM AIDS E HEPATITE, Descrição: Cadastro na PROPPG/UEL no. 08011 Tipo de Pesquisa: DISSERTAÇÃO DE MESTRADO Classificação: Aplicada 05/03/2012 EM ANDAMENTO Término Previsto: 28/02/2014 Área do CNPQ: QUIMICA Aprovado pela COMISSÃO COORD. CURSO em 05/07/2012 2 Participantes do Projeto Código Categoria Titulação Função Nome 1904232 DOCENTE DOUTOR ORIENTADOR SUZANA LUCY NIXDORF 201211450152 PÓS-GRAD. ORIENTANDO VINICIUS RICARDO ACQUARO JR. Resumo do Projeto A AIDS (SÍNDROME DA IMUNODEFICIÊNCIA ADQUIRIDA) É UMA DOENÇA PANDÊMICA, SENDO ASSIM UM GRANDE PROBLEMA PARA A SAÚDE PÚBLICA INFECTANDO MILHÕES DE PESSOAS EM TODO O MUNDO. O MEDICAMENTO VIREAD® FOI REGISTRADO NO BRASIL EM 2002 PELA EMPRESA IMPORTADORA UNITED MEDICAL LTDA. O PRINCIPIO ATIVO DO VIREAD® É O TENOFOVIR QUE QUIMICAMENTE É O FUMARATO DE TENOFOVIR DESOPROXILA, 9-[(R)-2-[[(ISOPROPOXICARBONIL) OXI]METOXI] FOSFONIL] METOXI]PROPIL]ADENINA FUMARATO. DENTRE OS MÉTODOS ANALÍTICOS PARA ANÁLISE DO TENOFOVIR,, OS MÉTODOS CROMATOGRÁFICOS PODEM SER DE GRANDE APLICAÇÃO, SENDO POUCOS ENCONTRADOS NA LITERATURA E NENHUM UTILIZADO COMO MÉTODO PADRÃO. A CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ALTA EFICIÊNCIA (CLAE-HPLC) É UMA TÉCNICA DE SEPARAÇÃO CROMATOGRÁFICA QUE SE FUNDAMENTA PRINCIPALMENTE NOS MECANISMOS DE ADSORÇÃO, DISTRIBUIÇÃO DE MASSAS, TROCA DE ÍONS, EXCLUSÃO OU INTERAÇÃO ESTEREOQUÍMICA. DESSA FORMA ESTE TRABALHO BUSCA FORNECER UMA METODOLOGIA ANALÍTICA ROBUSTA PARA DETERMINAÇÃO DO TEOR E DE IMPUREZAS DO FUMARATO DE TENOFOVIR DESOPROXILA NO FÁRMACO E MEDICAMENTO.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / VINICIUS RICARDO ACQUARO JUNIOR - Integrante., Número de orientações: 1

  • 2012 - 2014

    Estudo Da Composição De Carboidratos Totais E Livres Por Diferentes Métodos Visando Caracterizar Qualidade Versus Adulterações No Café, Descrição: Edital: Chamada 12/2011 Órgão Financiador: Fundação Araucária - Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Paraná No. do Protocolo: 23023 Valor aprovado:R$ 12.000,00 Endereço de acesso da aprovaçao: http://www.fundacaoaraucaria.org.br/diretoria/atos2012/120-2012_CP12-2011.pdf. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Mestrado acadêmico: (3) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Elis Daiane Pauli - Integrante / Leonel Vinicius Constantino - Integrante / Felipe Augusto Gorla - Integrante / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Ana Lúcia de Souza Madureira Felício - Integrante / Mariana Busignani da Silva - Integrante / Dáfiny Pomáira Bortholazzi - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Cyntia Helena Gomes Alves Silva - Integrante., Financiador(es): Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.Número de orientações: 6

  • 2012 - 2014

    ESTUDO DA CARACTERIZAÇÃO QUÍMICA DE CAFÉS PREMIADOS PELA BOA QUALIDADE, Descrição: Projeto no. 08010 - Cadastrado na PROPPG/UEL Tipo de Pesquisa: DISSERTAÇÃO DE MESTRADO Classificação: Aplicada 05/03/2012 EM ANDAMENTO - Término Previsto: 28/02/2014 Área do CNPQ: QUIMICA COMISSÃO COORD. CURSO 05/07/2012 2 Participantes do Projeto Código Categoria Titulação Função Data Nome 1904232 DOCENTE DOUTOR ORIENTADOR 05/03/2012 SUZANA LUCY NIXDORF 201211450141 PÓS-GRAD. AT ORIENTANDO 05/03/2012 TIAGO BERVELIERI MADEIRA Resumo do Projeto O CAFÉ É UM DOS PRODUTOS BÁSICOS MAIS VALIOSOS, SUPERADO APENAS PELO PETRÓLEO. NO CONTEXTO DO EXCEDENTE DE PRODUÇÃO MUNDIAL, A QUALIDADE DO CAFÉ TEM SIDO CONSIDERADA O PRINCIPAL CRITÉRIO DE SELEÇÃO NO MELHORAMENTO DESSA CULTURA. A PROVA DE XÍCARA É A FORMA MAIS ADOTADA PARA ESTUDAR AS PROPRIEDADES DO CAFÉ EM FUNÇÃO DE SUAS CARACTERÍSTICAS SENSORIAIS - ASPECTO, TEXTURA, SABOR E AROMA. ESTA AVALIAÇÃO UTILIZA O SER HUMANO COMO INSTRUMENTO DE MEDIDA PARA CLASSIFICAR A BEBIDA, E BASEADA NESTE CRITÉRIO, SELECIONA OS MELHORES CAFÉS, ATRIBUINDO-LHES OS PREÇOS MAIS ELEVADOS. ESTA ANÁLISE REQUER PROVADORES TREINADOS, ESPECIALMENTE PELA COMPLEXIDADE, JÁ QUE O SABOR E AROMA QUE CARACTERIZAM A BEBIDA CAFÉ SÃO RESULTANTES DA COMBINAÇÃO DE CENTENAS DE COMPOSTOS QUÍMICOS, PRODUZIDOS POR REAÇÕES QUE OCORREM DURANTE A TORREFAÇÃO. A QUALIDADE FINAL DA BEBIDA, INTRINSSICAMENTE RELACIONADA À COMPOSIÇÃO DOS GRÃOS TORRADOS, É AINDA INFLUENCIADA PELAS CARACTERÍSTICAS DA MATÉRIA-PRIMA (SAFRA, VARIEDADE, MANEJO AGRÍCOLA - COLHEITA, LOCAL DE CULTIVO, UMIDADE); E PELAS CONDIÇÕES DE PROCESSAMENTO PÓS-COLHEITA (PROCESSOS DE SECAGEM, FERMENTAÇÃO, TORRAÇÃO, MOAGEM E ACONDICIONAMENTO). PRETENDE-SE, POR MEIO DAS ANÁLISES DESTE PROJETO, ENCONTRAR MARCADORES QUÍMICOS CARACTERÍSTICOS E VERIFICAR POSSÍVEIS CORRELAÇÕES ENTRE ESTES E A AVALIAÇÃO SENSORIAL, ESTUDANDO OS CAFÉS CONSIDERADOS DE BOA QUALIDADE, PREMIADOS NOS CONCURSOS DA EMATER DO PARANÁ NA SAFRA 2011 E 2012. VISANDO VERIFICAR O QUE ESTES. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.Número de orientações: 1

  • 2011 - 2017

    ESPECIAÇÃO DE AG, SE E SB UTILIZANDO DISPOSITIVOS BASEADOS EM GRADIENTES DIFUSIVOS EM FILMES FINOS (DGT), Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / Maria Josefa Santos Yabe - Coordenador / Sonia Maria Nobre Gimenez - Integrante / ALLAN JHONATHAN RAMOS FERRARI - Integrante / CESAR RICARDO TEIXEIRA TARLEY - Integrante / ISABELLA OLIVEIRA ROCHA - Integrante / JEFERSON FERRETI RIBAS - Integrante / MARCELA ZANETTI CORAZZA - Integrante / MARCO TADEU GRASSI - Integrante / TAUFIK ABRAO - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2011 - 2013

    ESTUDO COMPARATIVO DE MÉTODOS ANALÍTICOS EMPREGADOS COM O PROPÓSITO DE IDENTIFICAR FRAUDES NO CAFÉ TORRADO E MOÍDO, Descrição: Projeto: 07446 - Cadastrado na PROPPG-UEL Tipo de Pesquisa: DISSERTAÇÃO DE MESTRADO 21/02/2011 EM ANDAMENTO Término Previsto: 024 31/01/2013 Área do CNPQ: QUIMICA COMISSÃO COORD. CURSO 29/04/2011 Participantes do Projeto Código Categoria Função Data Nome 201111450080 PÓS-GRAD. ORIENTANDO 21/02/2011 LEONEL VINICIUS CONSTANTINO 1904232 DOCENTE ORIENTADOR 21/02/2011 SUZANA LUCY NIXDORF Resumo do Projeto O CAFÉ É UM DOS MAIS VALIOSOS PRODUTOS PRIMÁRIOS COMERCIALIZADOS, SUPERADO APENAS PELO PETRÓLEO. ENTRE OS GÊNEROS ALIMENTÍCIOS, O CAFÉ É UM PRODUTO QUE ESTÁ SUJEITO A UM GRANDE NÚMERO DE FRAUDES E O PRODUTO EM PÓ, É A MELHOR MANEIRA QUE SE PRESTA À ESTA PRÁTICA. COM O OBJETIVO DE COMPARAR A EFICIÊNCIA DOS MÉTODOS NORMALIZADOS DE DETECÇÃO DE FRAUDES EM CAFÉ TORRADO E MOÍDO, ESTÃO SENDO PROPOSTAS TÉCNICAS ALTERNATIVAS PARA CONTROLE DE ADULTERANTES ADICIONADOS AO CAFÉ TORRADO E MOÍDO, ENTRE AS QUAIS ESTÃO: MICROSCOPIA DE LÂMINA MICROSCOPIA ELETRÔNICA DE VARREDURA, INFRAVERMELHO PRÓXIMO, HPLC ULTRAVIOLETA VISÍVEL COM REAÇÃO PÓS-COLUNA, HPLC COM DETECÇÃO ELETROQUÍMICA, HPLC COM ÍNDICE DE REFRAÇÃO, CAPACITANDO O MERCADO A AVALIAR, A QUALIDADE E PUREZA DOS PRODUTOS COMERCIALIZADOS, VERIFICANDO POSSÍVEIS CORRELAÇÕES ENTRE AS AVALIAÇÕES SENSORIAIS E PARÂMETROS FÍSICO-QUÍMICOS COM OS MÉTODOS DE CONTROLE DE QUALIDADE PROPOSTOS, COMPARAR OS DIVERSOS MÉTODOS VALIDADOS, AVALIANDO A SENSIBILIDADE, SELETIVIDADE, LINEARIDADE, ROBUSTEZ E RELAÇÃO CUSTO-BENEFÍCIO. VÁRIOS ESTUDOS TÊM SIDO REALIZADOS NA TENTATIVA DE CORRELACIONAR A COMPOSIÇÃO QUÍMICA DO GRÃO COM A QUALIDADE FINAL DO PRODUTO. ESPERA-SE QUE OS MÉTODOS PROPOSTOS NESTE ESTUDO, POSSIBILITEM A MELHORA NA DETECÇÃO DOS NÍVEIS MÍNIMOS DE ADULTERANTES ADICIONADOS AO CAFÉ E AUXILIEM NO CONTROLE DE QUALIDADE DO PRODUTO FINAL.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Leonel Vinicius Constantino - Integrante / Mayara de Souza - Integrante / Karol Callero Monpian - Integrante., Financiador(es): Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.Número de orientações: 1

  • 2011 - 2013

    NOVAS TECNOLOGIAS PARA MEDIAÇÃO DE GRANDEZAS AGROMETEROLÓGICAS E QUANTIFICAÇÃO DA ÁGUA NO LEITE PARA DETECÇÃO DE FRAUDES, Descrição: Projeto: 07406 - Cadastrado na PROPPG-UEL Tipo de Cadastro: ÓRGÃOS EXTERNOS DE FOMENTO Tipo de Pesquisa: TRABALHO CIENTÍFICO Processo: Relatório: 8435 / 2011 Tempo Pr. Inicial: Meses Prorrog.: Término Previsto: 024 30/11/2012 Área do CNPQ: ENGENHARIA ELETRICA Desenvolvimento do Projeto Data Situação Motivo 01/12/2010 EM ANDAMENTO Aprovações do Projeto Enviado para Aprovado Nº Referência Especificação ÓRGÃOS EXTERNOS 01/12/2010 458/2010 216 Participantes do Projeto Código Categoria Titulação Sit C.H. Função Data Nome 200607900063 GRADUAÇÃO AT INIC. CIENT. 01/09/2011 BRUNA TIEMI KOBO 0403596 DOCENTE SUPERIOR COMPLETOAT COLABORADOR 01/12/2010 DARI DE OLIVEIRA TOGINHO F.. 1015918 DOCENTE DOUTORADO AT 006 COLABORADOR 01/12/2010 JOSE ALEXANDRE DE FRANCA 200807900272 GRADUAÇÃO AT INIC. CIENT. 01/09/2011 LUCAS DE SOUZA RIBEIRO 1326027 DOCENTE DOUTORADO AT COLABORADOR 01/12/2010 MARCELO GIOVANETTI CANTERI 1325844 DOCENTE MESTRADO AT 004 COORDENADOR 01/12/2010 MARIA BERNADETE DE MORAIS .. 200907900310 GRADUAÇÃO IN INIC. CIENT. 31/07/2011 REGINALDO LUIS FORTI 200907900310 GRADUAÇÃO AT INIC. CIENT. 01/05/2011 REGINALDO LUIS FORTI 1904232 DOCENTE DOUTORADO AT 002 COLABORADOR 14/04/2011 SUZANA LUCY NIXDORF 2202417 DOCENTE DOUTORADO AT COLABORADOR 01/12/2010 VANERLI BELOTI. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / José Alexandre de França - Integrante / Dari de Oliveira Toginho Filho - Integrante / MARIA BERNADETE DE MORAIS FRANCA - Coordenador / Vanerli Beloti - Integrante / BRUNA TIEMI KOBO - Integrante / LUCAS DE SOUZA RIBEIRO - Integrante / MARCELO GIOVANETTI CANTERI - Integrante / REGINALDO LUIS FORTI - Integrante., Financiador(es): Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2011 - 2012

    ESTUDO DE VARIÁVEIS QUE INFLUENCIAM O MÉTODO DESENVOLVIDO PARA DETECTAR ADULTERANTES EM CAFÉ TORRADO E MOÍDO BASEADO NOS TEORES DE CARBOIDRATOS E QUIMIOMETRIA, Descrição: Projeto: 07455 na PROPPG-UEL Projeto de Bolsa Produtividade Araucária - maio 2011 - junho 2012 - 12 parcelas de R$ 976,00 - Total de R$ 11.712,00 Chamada: 09/2010 Convênio: 055/2011 Tipo de Pesquisa: TRABALHO CIENTÍFICO 05/05/2011 EM ANDAMENTO Término Previsto: 30/04/2013 Área do CNPQ: QUIMICA Participantes do Projeto Código Categoria Função Data Nome 200807800066 GRADUAÇÃO IINIC. CIENT. 31/10/2012 BARBARA STHEFANI CALDAS 200807800066 GRADUAÇÃO INIC. CIENT. 01/11/2011 BARBARA STHEFANI CALDAS 201111450091 PÓS-GRAD. ORIENTANDO 05/05/2011 MARIANA BUSIGNANI DA SILVA 1904232 DOCENTE ORIENTADOR 05/05/2011 SUZANA LUCY NIXDORF Resumo do Projeto O CAFÉ É A 2ª BEBIDA MAIS POPULAR E A 2ª COMMODITY, GERADORA DE RIQUEZAS DO MUNDO. A VARIAÇÃO DE PREÇOS NO AGRONEGÓCIO IMPULSIONA O CONTROLE DE QUALIDADE DO SETOR, QUE FIXOU RECENTEMENTE POR INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 16/2010 DO MAPA, A QUANTIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE CARBOIDRATOS TOTAIS QUE MENSURA OS TEORES DE MANITOL, ARABINOSE, GALACTOSE, GLICOSE, XILOSE, MANOSE E FRUTOSE, APÓS ETAPA DE HIDRÓLISE EM MEIO ÁCIDO. A APLICAÇÃO DE MÉTODO DA ISSO 11292 EMPREGANDO HPLC-HPAE_PAD, ASSOCIADO A ESTUDOS QUIMIOMÉTRICOS, REVELOU QUE OS PERFIS CROMATOGRÁFICOS PERMITEM APONTAR CORRELAÇÕES ENTRE A NATUREZA E A GRAU DE ADULTERAÇÃO DO CAFÉ TORRADO E MOÍDO. A VARIABILIDADE DE ALGUNS PARÂMETROS QUE INFLUENCIAM O MÉTODO DESENVOLVIDO PARA DETECTAR ADULTERAÇÕES EM CAFÉ TORRADO E MOÍDO SERÁ ESTUDADA. SERÃO INVESTIGADAS AS INFLUÊNCIAS NO TEOR DOS CARBOIDRATOS PELO EMPREGO DO PLANEJAMENTO QUIMIOMÉTRICO DO TIPO CENTRÓIDE SIMPLEX EM FUNÇÃO DA MISTURA DE CAFÉS DE BAIXA QUALIDADE E ADULTERANTES, ANALISADOS EM DIFERENTES GRAUS DE TORRA (CLARA, MÉDIA E ESCURA), DE DISTINTAS PROCEDÊNCIAS DE MATÉRIA-PRIMA (PR, MG E SP), CONSIDERANDO-SE AS VARIEDADES (IAPAR-59, CATUAÍ E MUNDO NOVO) MAIS EMPREGADAS NA PRODUÇÃO DOS CAFÉS TORRADO E MOÍDO NO PAÍS. A INFLUÊNCIA DE. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (6) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Elis Daiane Pauli - Integrante / Diego Soares Domingues - Integrante / Barbara Sthefani Caldas - Integrante / Julia Estéfane Martins de Abreu - Integrante / Felipe Augusto Gorla - Integrante / Letícia Thais Chendynski - Integrante / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Busignani da Silva - Integrante / Dáfiny Pomáira Bortholazzi - Integrante., Financiador(es): Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2011 - Atual

    AVALIAÇÃO DA INFLUÊNCIA DA TORRA,PROCEDÊNCIA, VARIEDADE E DEFEITOS NOS TEORES DE CARBOIDRATOS UTILIZADOS PARA ATESTAR ADULTERAÇÃO EM CAFÉ TORRADO E MOÍDO, Descrição: Projeto: 07444 - Cadastrado na PROPPG/UEL Tipo de Pesquisa: DISSERTAÇÃO DE MESTRADO 21/02/2011 EM ANDAMENTO Término Previsto: 31/01/2013 Área do CNPQ: QUIMICA Participantes do Projeto Código Categoria Função Data Nome 200904800095 GRADUAÇÃO INIC. CIENT. 31/07/2012 DAFINY P. BORTHOLAZZI 200904800095 GRADUAÇÃO INIC. CIENT. 01/02/2012 DAFINY P. BORTHOLAZZI 200904800153 GRADUAÇÃO INIC. CIENT. 30/09/2011 FELIPE AUGUSTO GORLA 200904800153 GRADUAÇÃO INIC. CIENT. 01/08/2011 FELIPE AUGUSTO GORLA 200904800211 GRADUAÇÃO INIC. CIENT. 31/01/2012 JULIA E. MARTINS DE ABREU 200904800211 GRADUAÇÃO INIC. CIENT. 01/01/2012 JULIA E. MARTINS DE .. 201111450091 PÓS-GRAD. ORIENTANDO 21/02/2011 MARIANA BUSIGNANI DA SILVA 200607800619 GRADUAÇÃO INIC. CIENT. 31/12/2011 PAMELLA CRISTINA SCHEEL 200607800619 GRADUAÇÃO INIC. CIENT. 01/10/2011 PAMELLA CRISTINA SCHEEL 1904232 DOCENTE ORIENTADOR 21/02/2011 SUZANA LUCY NIXDORF Resumo do Projeto O CAFÉ É A 2ª BEBIDA MAIS POPULAR E A 2ª COMMODITY, GERADORA DE RIQUEZAS DO MUNDO. A VARIAÇÃO DE PREÇOS NO AGRONEGÓCIO IMPULSIONA O CONTROLE DE QUALIDADE DO SETOR, QUE FIXOU RECENTEMENTE POR INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 16/2010 DO MAPA, A QUANTIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE CARBOIDRATOS TOTAIS QUE MENSURA OS TEORES DE MANITOL, ARABINOSE, GALACTOSE, GLICOSE, XILOSE, MANOSE E FRUTOSE, APÓS ETAPA DE HIDRÓLISE EM MEIO ÁCIDO. A APLICAÇÃO DE MÉTODO DA ISSO 11292 EMPREGANDO HPLC-HPAE_PAD, ASSOCIADO A ESTUDOS QUIMIOMÉTRICOS, REVELOU QUE OS PERFIS CROMATOGRÁFICOS PERMITEM APONTAR CORRELAÇÕES ENTRE A NATUREZA E A GRAU DE ADULTERAÇÃO DO CAFÉ TORRADO E MOÍDO. A VARIABILIDADE DE ALGUNS PARÂMETROS QUE INFLUENCIAM O MÉTODO DESENVOLVIDO PARA DETECTAR ADULTERAÇÕES EM CAFÉ TORRADO E MOÍDO SERÁ ESTUDADA. SERÃO INVESTIGADAS AS INFLUÊNCIAS NO TEOR DOS CARBOIDRATOS PELO EMPREGO DO PLANEJAMENTO QUIMIOMÉTRICO DO TIPO CENTRÓIDE SIMPLEX EM FUNÇÃO DA MISTURA DE CAFÉS DE BAIXA QUALIDADE E. , Situação: Desativado; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Julia Estéfane Martins de Abreu - Integrante / Felipe Augusto Gorla - Integrante / Pamella Cristina Scheel - Integrante / Mariana Busignani da Silva - Integrante / Dáfiny Pomáira Bortholazzi - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.

  • 2010 - 2012

    Avaliação pré-clinica de parâmetros reprodutivos e absorção de extrato de Trichilia catigua (Catuaba)., Descrição: Projeto Financiado pela Fundação Araucária no valor de R$14.000,00. Vigência 09/2010 a 09/2012. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / Andréa Diniz - Coordenador / Joao Palazzo de Mello - Integrante / Daniela Ceccato Gerardin - Integrante., Financiador(es): Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2010 - Atual

    Desenvolvimento e Validação de Métodos e Instrumentação Analíticas aplicados a matrizes complexas alimentícias, meio ambiente, biológicas, e fármacos, Descrição: Desenvolver métodos e validá-los, considerando parâmetros da ANVISA, ICH, INMETRO, voltados à separação, quantificação e identificação principalmente por cromatografia e espectrometria de massas de compostos de matrizes: alimentícias (qualidade e adulterações), de meio-ambiente (pesticidas em água e solos), biológicas (biomarcadores em urina e plasma), das ciências da saúde (toxicidade e segurança alimentar-micotoxinas), fármacos (medicamentos e fitocompostos).. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Mestrado acadêmico: (4) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (5) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / ALESSANDRA MAFFEI MONTEIRO - Integrante / Andréa Diniz - Integrante / Marta de Toledo Benassi - Integrante / Elisa Yoko Hirooka - Integrante / Diego Soares Domingues - Integrante / Leonel Vinicius Constantino - Integrante / Emília Kiyomi Kuroda - Integrante / Ana Lúcia de S. M. Felício - Integrante / Maria Josefa Santos Yabe - Integrante / Maria Angélica Ehara Watanabe - Integrante / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Vanerli Beloti - Integrante / Mirela Fulgencio Rabito - Integrante / Marlene Maria Fregonezi Nery - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / ERIELDES SOUSA SILVA - Integrante / VINICIUS RICARDO ACQUARO JUNIOR - Integrante / Alexandre Lindolfo Modesto - Integrante / Emanuel Carrilho - Integrante / Thaís Dolfini Alexandrino - Integrante / Drielle Caroline Castilho - Integrante / Lycio Shinji Watanabe - Integrante / Yuri Renan Bovolenta - Integrante / Andrea Name Colado Simao - Integrante / Waldiceu Aparecido Verri Jr - Integrante / Wander Rogério Pavanelli - Integrante / Maria de Almeida Silva - Integrante / Sara Dakkache Lopes - Integrante / Giselle Lopes Silva - Integrante / Thais Tiemi Nakahara - Integrante / Agerdânio Andrade De Souza - Integrante., Número de produções C, T & A: 63

  • 2009 - 2014

    Nanobiotecnologia Aplicada a Insumos Estratégicos: Técnicas Avançadas Baseadas em Química, Imunobiotecnologia e Molecular visando Segurança e Controle em Alimentos, Água e Meio Ambiente, Descrição: PROJETO Financiado pela CAPES NO. AUX-PE-NANOBIOTEC-710/2009 - PROCESSO. NO. 23038.019085/2009-14 - no montante de R$ 2.400.000,00 - contemplando LC/MS//MS e outros equipamentos, reagentes, passagens e diárias e bolsas de iniciação científica e doutorado com participação das seguintes instituições: UEL ? Departamentos: DCTA, Bioquímica, Saneamento e Química, ITAL, UFRGS, UFPR, UEM, UEPG, IAL e UFSM - sob a Coordenação da Profa. Dra. Elisa Yoko Hirooka. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (20) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (10) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / Tereza C R Moreira de Oliveira - Integrante / Elisa Yoko Hirooka - Coordenador / Elisabete Yurie Sataque Ono - Integrante / Emília Kiyomi Kuroda - Integrante / Dani Luce Doro da Silva - Integrante / Cássia Reika Takabayashi - Integrante / Miguel Machinski Junior - Integrante / Eliana Furlong - Integrante / Ivo Motin Demiate - Integrante / Carlos Augusto Mallmann - Integrante / Margarida Masami Yamaguchi - Integrante / Eduardo Vicente - Integrante / Myrna Sabino - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 5

  • 2009 - 2013

    Desenvolvimento de sistemas de tratamento de efluentes por Eletrocoagulação/eletroflotação para reuso de água, Descrição: COM O CRESCIMENTO POPULACIONAL A ESCASSEZ DA ÁGUA TORNOU-SE UM GRAVE PROBLEMA MUNDIAL DEVIDO A POLUIÇÃO HÍDRICA, O USO DESORDENADO, O CRESCIMENTO DA DEMANDA E A INDUSTRIALIZAÇÃO. AS ATIVIDADES INDUSTRIAIS NO BRASIL RESPONDEM POR APROXIMADAMENTE 20% DO CONSUMO DE ÁGUA, SENDO QUE MAIS DA METADE É TRATADA DE FORMA INADEQUADA OU NÃO RECEBE NENHUM TRATAMENTO. RIOS, ESTUÁRIOS, CANAIS E OUTROS CORPOS DE ÁGUA ESTÃO SENDO CONSTANTEMENTE POLUÍDOS DEVIDO AO LANÇAMENTO INDISCRIMINADO DE EFLUENTES NÃO TRATADOS. MEDIDAS DE PRESERVAÇÃO E DE CONTROLE DEVEM SER ESTABELECIDAS, COM A FINALIDADE DE REDUZIR O CONSUMO DE ÁGUA E MINIMIZAR A GERAÇÃO DE EFLUENTES POLUIDORES DOS RECURSOS HÍDRICOS. PORTANTO, PESQUISAS VOLTADAS PARA O DESENVOLVIMENTO DE TECNOLOGIAS PARA TRATAMENTO E REUSO DA ÁGUA SÃO ESSENCIAIS PARA MINIMIZAR OS PROBLEMAS DE ESCASSEZ DE ÁGUA. A ELETROCOAGULAÇÃO ELETROFLOTAÇÃO (EC EF) É UMA TÉCNICA CONSIDERADA POTENCIALMENTE EFETIVA EM TRATAMENTO DE EFLUENTES, COM ALTA REMOÇÃO DE COLÓIDES, METAIS E OUTRAS ESPÉCIES INORGÂNICAS E ORGÂNICAS. ESSA TÉCNICA TAMBÉM POSSIBILITA QUE SEJA UM SISTEMA COMPACTO E COM COMPLETA AUTOMAÇÃO A CUSTOS RELATIVAMENTE BAIXOS. NESTE PROCESSO OCORRE A FORMAÇÃO DE FLOCOS DE HIDRÓXIDOS METÁLICOS POR ELETRODISSOLUÇÃO DO ANODO, GERALMENTE DE FERRO OU ALUMÍNIO. EMBORA O MECANISMO DE ELETROCOAGULAÇÃO SEJA SEMELHANTE À COAGULAÇÃO QUÍMICA, OS FLOCOS ELETROCOAGULADOS CONTÊM MENOR QUANTIDADE DE ÁGUA LIGADA, SÃO MAIS ESTÁVEIS E MAIS RAPIDAMENTE FILTRÁVEIS. OUTRA VANTAGEM DA (EC EF) É QUE NÃO INTRODUZ ÂNIONS COMO SULFATO OU CLORETO AOS EFLUENTES, COMO NA COAGULAÇÃO QUÍMICA, CAUSANDO PROBLEMAS NO REUSO DA ÁGUA. O OBJETIVO DESTE TRABALHO É AVALIAR E COMPARAR A EFICIÊNCIA/CUSTO DA (EC EF) NO TRATAMENTO DE EFLUENTES DE LAVAGEM DE CARROS. A EFICIÊNCIA SERÁ AVALIADA ATRAVÉS DA REMOÇÃO DA CARGA ORGÂNICA (DQO - DEMANDA QUÍMICA DE OXIGÊNIO), TURBIDEZ, SST (SÓLIDOS SUSPENSOS TOTAIS) E TEOR DE SURFACTANTES. A PARTIR DESTE ESTUDO SERÃO CONSTRUÍDOS SISTEMAS EM ESCALA PIL. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Coordenador / JOÃO CARLOS ALVES - Integrante / Jéferson Moriconi Cesário - Integrante / Ilza Lobo - Integrante / Barbara Sthefani Caldas - Integrante / João Paulo Dias - Integrante / Márcia Monteiro Sanches Souza - Integrante / Taciane de Oliveira - Integrante., Financiador(es): Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro / Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2009 - 2013

    Sistema de Medição de Umidade Baseado na Reflexão Difusa no Infravermelho Próximo, Descrição: Projeto financiado pela Fundação Araucária, através da Chamada de Projetos 14/2008, no valor de R$ 13.900,00. Resumo: Em diversos setores da indústria, a medição de umidade é uma tarefa fundamental como, por exemplo, na indústria alimentícia, de processamento/esmagamento de grãos, de papel, usinas de açúcar etc. O método clássico de medição de umidade requer uma análise da amostra em laboratório. Este é um processo destrutivo, caro e demorado. Além do mais, como a umidade da matéria-prima pode variar bastante ao longo do dia, são necessárias várias medições em laboratório ao longo do período. Por outro lado, com o processo de medição on-line de umidade, a percentagem de água é conhecida instantaneamente, logo tem-se controle do processo de produção sem perdas, com máximo lucro e qualidade. Atualmente, existem poucos fabricantes deste tipo de equipamento e não existe nenhum fabricante neste país, o que resulta em um custo elevado para indústrias pequenas. Em vista disto, propõe-se, neste projeto, o desenvolvimento de um medidor on-line de umidade baseado no princípio de absorção da luz, onde moléculas da água absorvem parte da radiação incidente, baseado em um princípio físico que faz com que a luz seja absorvida por ligações químicas características da molécula de água. Tal instrumento será capaz de efetuar a medição de umidade na própria linha de produção, instantaneamente e insensível a grandes variações de temperatura, permitindo o ajuste do processo produtivo de imediato ao valor proposto, evitando perdas, reprocesso de produto e reduzindo custos com medições químicas, infra-estrutura e mão-de-obra. Além disso, uma vez desenvolvida a técnica, esta poderá ser facilmente estendida a medição de outros tipos de substâncias em uma variedade de outros materiais... , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / José Alexandre de França - Coordenador / AZIZ ELIAS DEMIAN JUNIOR - Integrante / MARIA BERNADETE DE MORAIS FRANCA - Integrante / Dari O. Togilho Filho - Integrante., Financiador(es): Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2012

    Imunobiotecnologia e técnicas analíticas avançadas (química e molecular) aplicadas ao controle de patógenos e resíduos tóxicos em alimentos, água e meio ambiente, Descrição: Projeto no 05838 cadastrado na UEL/PROPPG - Tipo de Cadastro: ÓRGÃOS EXTERNOS DE FOMENTO - Financiado pelo MAPA - CNPq - sob o número 578454/2008-45 - com um montante de R$ 499.000,00, sob a Coordenação da Dra. Elisa Yoko Hirooka. A região Norte do Paraná, onde se localiza o Núcleo proponente da Universidade Estadual de Londrina (UEL), caracteriza-se pelo solo e condições climáticas propícias ao desenvolvimento agrícola, sendo um dos principais centros agroindustriais do Brasil. O Núcleo destaca-se pela experiência em Imunobiotecnologia/Inovação em nível nanotecnologia/molecular e, conta com suporte de intercâmbios internacionais. Especialistas de Instituições nacionais e internacionais vem contribuindo na execução de nossos projetos. Além desta interação desde o início da consolidação, o Núcleo apresenta como característica diferenciadora, a formação de integrantes principais em Instituições internacionais através de Doutorado-sanduíche, Pós-Doutorado ou Aperfeiçoamento no exterior, seguida de continuidade envolvendo intercâmbio para aperfeiçoamento de integrantes discentes (MEIJO University, Science University of Tokyo-Japão, University of Guelph-Canada, Institute of Food Research-United Kington, Universidade de Nino-Portugal, entre outros). Salienta-se que um dos intercâmbios internacionais consolidados conduziu à doação de hibridomas produtores de anticorpos monoclonais (mAb) contra as micotoxinas (fumonisina, ocratoxina A, aflatoxina B1 e M1, deoxinivalenol, zearalenona), possibilitando a produção de reagentes imunobiotecnológicos destinados à obtenção de kits a custo acessível, com possibilidade de desenvolver imunobioferramentas(biosensores), imprescindíveis à informação básica na segurança alimentar. Análise de Perigos e Pontos Críticos de Controle (APPCC) deve ser implementado em toda a cadeia alimentar, o que requer controle rápido e eficiente a baixo custo, inviável no atual monitoramento nacional. As técnicas analíticas recomendadas para a detecção de. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (10) / Mestrado acadêmico: (7) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / HIDEAKI WILSON TAKAHASHI - Integrante / Marta de Toledo Benassi - Integrante / Tereza C R Moreira de Oliveira - Integrante / Elisa Yoko Hirooka - Coordenador / Sandra Garcia - Integrante / Maria Helena Fúngaro - Integrante / Elisabete Yurie Sataque Ono - Integrante / Emília Kiyomi Kuroda - Integrante / Sandra Márcia Cesário Pereira da Silva - Integrante / Maria Josefa Yabe - Integrante / Sandra Helena Prudêncio - Integrante / Ilce Mara de Syllos Cólus - Integrante / Eiko Nakagawa Itano - Integrante / Ana Paula F.R.L. Bracarense - Integrante / Mário Augusto Ono - Integrante / Débora Cristina Santiago - Integrante / Luciano Aparecido Panagio - Integrante / Patrícia Sambatti - Integrante / Juliana Feijó de S. Daniel - Integrante / Fernando Fernandes - Integrante / Deise Dias Lopes - Integrante / ADALBERTO CARRARO - Integrante / ADRIANA PAVESI ARISSETO - Integrante / ALEXANDRE RODRIGO COELHO - Integrante / ALEXANDRE URBANO - Integrante / ANIÊ IEDA FRANCABANDIERA - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 7

  • 2009 - 2012

    Determinação da relação entre a taxa de absorção de flavonóides determinada por cromatografia micelar de biopartição (BMC) e dados obtidos in vivo., Descrição: A fitoterapia e a nutrição funcional vem utilizando produtos de origem vegetal para seus respectivos objetivos terapêuticos, sendo os compostos fenólicos uma das classes mais utilizadas por ambas áreas. Porém, a determinação correta da dose utilizada de polifenólicos em distintas situações clínicas é um dos obstáculos a serem vencidos quando se tem o Uso Racional de Medicamentos como premissa na prescrição de qualquer produto farmacêutico ou correlato. Pouco se conhece a respeito da biodisponibilidade de compostos polifenólicos, entre eles os flavonóides. Ainda são necessários muitos estudos que esclareçam processos de absorção, distribuição, metabolismo e excreção dessa classe de fármacos, permitindo que a definição de perfis farmacocinéticos de diferentes compostos possam ser utilizados como parâmetros de prescrição de fitoterápicos ou de alimentos funcionais. Atualmente ensaios preditivos de parâmetros farmacocinéticos vêm sendo descritos em literatura científica, entre essas técnicas está a Cromatografia Micelar de Biopartição (BMC). Ela tem sido empregada como técnica alternativa na previsão de parâmetros biológicos, e entre eles, os parâmetros farmacocinéticos. A associação de análises de BMC na construção de modelos que prevejam os comportamentos biológicos e químicos de moléculas vem sendo muito empregadas, auxiliando, também, a otimização dos recursos materiais, animais e financeiro. Sendo assim, a presente proposta tem como objetivo avaliar o comportamento de 18 flavonóides em cromatografia micelar de biopartição para relacioná-los a dados de perfis de permeação intestinal conhecidos, visando a geração de modelo que compare descritores moleculares com sua atividade. Após a determinação do modelo, 5 flavonóides serão submetidos a experimentação in vivo de permeção intestinal visando a validação do modelo obtido por experimentação in vitro. R$18.000,00. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / Andréa Diniz - Coordenador / Maria Jose Medina Hernandez - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2011

    DETERMINAÇÃO DO ÁCIDO O-AMINOLEVULÍNICO URINÁRIO NA EXPOSIÇÃO OCUPACIONAL AO, Descrição: Projeto no. 05889 cadastrados na UEL/PROPPG - Tipo de Cadastro: PROJETO CEPE/UEL - RESOLUÇÃO 274/2005 - no montante de R$ 6.750,00 - para reagentes, colunas e vortex Resumo NO BRASIL OBSERVA-SE UMA AUSÊNCIA DE DADOS SISTEMATIZADOS SOBRE A EXPOSIÇÃO OCUPACIONAL AO CHUMBO, ENTRETANTO, ALGUNS ESTUDOS ISOLADOS DEMONSTRAM ALTAS EXPOSIÇÕES AO METAL EM AMBIENTES DE TRABALHO. A NORMA REGULAMENTADORA N°7 (NR7) DO MINISTÉRIO DO TRABALHO, QUE NORMALIZA OS PARÂMETROS LABORATORIAIS NO MONITORAMENTO BIOLÓGICO, INDICA A DOSAGEM DE CHUMBO EM SANGUE (PB-S) COMO INDICADOR BIOLÓGICO DE EXPOSIÇÃO EM COMBINAÇÃO COM A DETERMINAÇÃO DO ÁCIDO D-AMINOLEVULÍNICO URINÁRIO (ALA-U) COMO INDICADOR BIOLÓGICO DE EFEITO PARA A AVALIAÇÃO DA EXPOSIÇÃO OCUPACIONAL AO CHUMBO. A UTILIZAÇÃO DA CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ALTA PERFORMANCE (HPLC) NA DETERMINAÇÃO DO ALA-U, AO INVÉS DO MÉTODO ESPECTROFOTOMÉTRICO, COMUMENTE UTILIZADO NO BRASIL, PODE REPRESENTAR UM AVANÇO NESSA DETERMINAÇÃO, POR INCORPORAR UMA ETAPA PRÉVIA DE SEPARAÇÃO CROMATOGRÁFICA E, ASSIM, DIMINUIR A INTERFERÊNCIA CAUSADA POR OUTROS COMPOSTOS PRESENTES NA URINA. O SETOR DE TOXICOLOGIA DO LABORATÓRIO ANÁLISES CLÍNICAS DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO DE LONDRINA REALIZA ROTINEIRAMENTE DOSAGENS DE ALA-U E PB-S EM TRABALHADORES EXPOSTOS AO METAL EM FÁBRICAS DE BATERIA DESDE 1990, SENDO AS DETERMINAÇÕES DE ALA-U EXECUTADAS POR MÉTODO ESPECTROFOTOMÉTRICO. O PRESENTE ESTUDO VISA COMPARAR OS VALORES DA DETERMINAÇÃO DE ALA-U OBTIDOS PELAS DUAS METODOLOGIAS ANALÍTICAS (MÉTODO ESPECTROFOTOMÉTRICO E HPLC) EM 400 TRABALHADORES EXPOSTOS OCUPACIONALMENTE AO METAL E IDENTIFICAR UM NÍVEL CRÍTICO DE PB-S PARA INDUZIR A ELEVAÇÃO DE ALA-U EM CADA METODOLOGIA ESTUDADA. ESPERA-SE, COM ESTE ESTUDO, CONTRIBUIR NA MONITORIZAÇÃO DE TRABALHADORES EXPOSTOS AO CHUMBO.. , Situação: Desativado; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / Andréa Diniz - Integrante / Conceiçao Aparecida Turini - Integrante / Leda Mezzaroba - Integrante / Monica Maria Bastos Paoliello - Coordenador / Ana Claudia Mainardi - Integrante / Cristiane Nascimento Bezerra - Integrante.

  • 2009 - 2011

    ESTUDO DA COMPOSIÇÃO FENÓLICA (HPLC-DAD) E CAPACIDADE ANTIOXIDANTE (DPPH) DE, Descrição: O PRESENTE ESTUDO VISA ANALISAR UVAS E VINHOS DE VARIEDADES RÚSTICAS, QUANTO À CAPACIDADE ANTIOXIDANTE PELO MÉTODO DPPH, E AVALIAR A COMPOSIÇÃO FENÓLICA: ANTOCIANIDINAS, PIROANTOCIANOS, FLAVONÓIDES E ÁCIDOS HIDROXICINÂMICOS, EMPREGANDO A TÉCNICA DE HPLC-DAD. A LITERATURA DESCREVENDO A COMPOSIÇÃO DAS VARIEDADES RÚSTICAS, UTILIZADAS NA FABRICAÇÃO DE VINHOS TINTOS DE MESA É ESCASSA QUANDO COMPARADA ÁS VARIEDADES VITIS VINÍFERAS MAIS ESTUDADAS, EMPREGADAS NA ELABORAÇÃO DE VINHOS FINOS. A PESQUISA OBJETIVA CONHECER MELHOR A CULTIVAR DO TIPO ISABEL, A MAIS DIFUNDIDA NA SERRA GAÚCHA, COM 45 % DE TODA A UVA PRODUZIDA, UTILIZADA PARA PRODUÇÃO DE VINHO E SUCO DE UVA. A METODOLOGIA VALIDADA POSSIBILITARÁ A AMPLIAÇÃO DOS CONHECIMENTOS DE OUTRAS VARIEDADES RÚSTICAS COMO A ISABEL PRECOCE, A BORDÔ OU TERCI, A RUBEA E A CARMEN CULTIVADAS NO PARANÁ, CONTRIBUINDO COM PESQUISAS MULTIDISCIPLINARES PARA VERIFICAR O POTENCIAL NUTRACÊUTICO E MEDICAMENTOSO, ATRIBUÍDO AOS COMPOSTOS FENÓLICOS, PERMITINDO UM MELHOR ENTENDIMENTO DO PAPEL DE AÇÃO E UM USO MAIS EFETIVO, TANTO NA PREVENÇÃO COMO NO TRATAMENTO DE DOENÇAS.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / EDMAR FERNANDO DE OLIVEIRA - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa., Número de produções C, T & A: 7 / Número de orientações: 1

  • 2009 - 2010

    DESENVOLVIMENTO E VALIDAÇÃO DE METODOLOGIA ANALÍTICA PARA DETERMINAÇÃO DO ÁCIDO DELTA-AMINOLEVULÍNICO POR HPLC, Descrição: Projeto no 06229 - Cadastrado na UEL/PROPPG - Tipo de Cadastro: PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA(PROIC) - RESOLUÇÃO CEPE 97/2009 Sub-Projeto do Projeto: 05889 - DETERMINAÇÃO DO ÁCIDO O-AMINOLEVULÍNICO URINÁRIO NA EXPOSIÇÃO OCUPACIONAL AO CHUMBO: COMPARAÇÃO ENTRE METODOLOGIAS ANALÍTICAS (ESPECTROFOTOMÉTRICAS E HPLC) Tipo de Cadastro: PROJETO CEPE/UEL - RESOLUÇÃO 274/2005 Resumo NA REGIÃO DE LONDRINA EXISTEM INÚMERAS FÁBRICAS DE BATERIAS, E UM PROBLEMA DECORRENTE DESSA PRODUÇÃO É A EXPOSIÇÃO DOS TRABALHADORES AO CHUMBO (PB). O HOSPITAL UNIVERSITÁRIO DE LONDRINA REALIZA PERIODICAMENTE ANÁLISES URINÁRIAS PARA MONITORAMENTO DESSA CONTAMINAÇÃO PELA DOSAGEM DO INDICADOR BIOLÓGICO ÁCIDO DELTA-AMINOLEVOLÍNICO (ALA-U). O MÉTODO UTILIZADO ATUALMENTE NO HOSPITAL PARA QUANTIFICAÇÃO DO PB NOS TRABALHADORES É FEITO POR ESPECTROFOTOMETRIA DAS AMOSTRAS DE URINA DOS MESMOS. NO ENTANTO, ESTE MÉTODO APRESENTA SENSIBILIDADE LIMITADA, PORTANTO, A BUSCA DE UM MÉTODO MAIS SENSÍVEL SE FAZ NECESSÁRIA. DESSA FORMA, SERÁ UTILIZADA NOS EXPERIMENTOS A CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ALTA EFICIÊNCIA (HPLC), A QUAL APRESENTA SENSIBILIDADE ELEVADA.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Andréa Diniz - Integrante / Monica Maria Bastos Paoliello - Integrante / Ana Claudia Mainardi - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa., Número de produções C, T & A: 6 / Número de orientações: 1

  • 2009 - 2010

    AVALIAÇÃO FARMACOCINÉTICA EM PLASMA DA ADSORÇÃO DA VICENINA-2 ACOMPANHADA POR HPLC, Descrição: Projeto: 06164 - Cadastrado na UEL/PROPPG como PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA(PROIC) - RESOLUÇÃO CEPE 97/2009 Sub-Projeto do Projeto cadastrado na UEL /PROPPG sob o no. 05289 - Fomento externo Projeto no: 1-8.761 - Financiado pela Fundação Araucária no montante de R$ 37.241,00 Resumo OS ESTUDOS SOBRE A FARMACOCINÉTICA DE PRODUTOS NATURAIS AINDA É MUITO ESCASSO. AS INFORMAÇÕES DE COMO ALGUNS PRODUTOS DE ORIGEM VEGETAL, COMO OS FLAVONÓIDES SÃO ABSORVIDOS, É ESSENCIAL PARA O ESCLARECIMENTO DO MECANISMO DE AÇÃO DESSES COMPOSTOS. A LYCHNOPHORA ERICOIDES É BASTANTE ESTUDADA E MOSTROU-SE EFICAZ NA AÇÃO ANTINFLAMATÓRIA, SENDO ESSA ATIVIDADE ATRIBUÍDA AO FLAVONÓIDE. MAS A PRODUÇÃO DE MEDICAMENTOS A PARTIR DESSE PRODUTO ISOLADO OU EM EXTRATO ENRIQUECIDO NECESSITA PRIMEIRO DA AVALIAÇÃO DE QUAL OU QUAIS PRODUTOS REALMENTE SÃO ABSORVIDOS, E PORTANTO SERIAM OS RESPONSÁVEIS PELA AÇÃO. A PARTIR DE ENSAIOS DE ABSORÇÃO, METABOLISMO E ATIVIDADE DE UM EXTRATO ENRIQUECIDO COM VICENINA-2 PRETENDE SE ESCLARECER ESSA DÚVIDA E AMPLIAR A POSSIBILIDADE DE TERMOS MAIS UM MEDICAMENTO FITOTERÁPICO INTEIRAMENTE NACIONAL. O PERFIL DE ABSORÇÃO SERÁ AVALIADO UTILIZANDO TÉCNICAS CROMATOGRÁFICAS. PARALELAMENTE SERÁ AVALIADO POR ESPECTROMETRIA DE MASSAS QUAIS OS METABÓLITOS FORMADOS E/OU ABSORVIDOS, DEMONSTRANDO ASSIM SE O FLAVONÓIDE É ATIVO OU SEUS METABÓLITOS.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Francys W. Massura - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.Número de orientações: 1

  • 2008 - 2011

    Avaliação farmacocinética de flavonóides a partir de extrato padronizado de Arnica-da-serra (Lychnophora ericoides)., Descrição: Projeto cadastrado na UEL /PROPPG sob o no. 05289 - Fomento externo Projeto no: 1-8.761 - Financiado pela Fundação Araucária no montante de R$ 37.241,00 Com Sub-Projeto cadastrado na PROPPG/UEL sob o número - 06164 Submetido na Chamada de Projeto 01/2006 no Programa de Apoio à Pesquisa Básica e Aplicada - Universal, foi contemplado com verba junto a Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Paraná, na categoria, Multidisciplinar - Modalidade C. O projeto envolve Pesquisadores da UEL de diferentes áreas do Centro de Ciências Biológicas e de diferentes Universidades trabalhando em conjunto com os de Ciências Exatas, sob minha Coordenação. Convênio assinado em 04 de Abril de 2007. Resumo: OS ESTUDOS SOBRE A FARMACOCINÉTICA DE PRODUTOS NATURAIS AINDA É MUITO ESCASSO. AS INFORMAÇÕES DE COMO ALGUNS PRODUTOS DE ORIGEM VEGETAL, COMO OS FLAVONÓIDES SÃO ABSORVIDOS, É ESSENCIAL PARA O ESCLARECIMENTO DO MECANISMO DE AÇÃO DESSES COMPOSTOS. A LYCHNOPHORA ERICOIDES É BASTANTE ESTUDADA E MOSTROU-SE EFICAZ NA AÇÃO ANTINFLAMATÓRIA, SENDO ESSA ATIVIDADE ATRIBUÍDA AO FLAVONÓIDE. MAS A PRODUÇÃO DE MEDICAMENTOS A PARTIR DESSE PRODUTO ISOLADO OU EM EXTRATO ENRIQUECIDO NECESSITA PRIMEIRO DA AVALIAÇÃO DE QUAL OU QUAIS PRODUTOS REALMENTE SÃO ABSORVIDOS, E PORTANTO SERIAM OS RESPONSÁVEIS PELA AÇÃO. A PARTIR DE ENSAIOS DE ABSORÇÃO, METABOLISMO E ATIVIDADE DE UM EXTRATO ENRIQUECIDO COM VICENINA-2 PRETENDE SE ESCLARECER ESSA DÚVIDA E AMPLIAR A POSSIBILIDADE DE TERMOS MAIS UM MEDICAMENTO FITOTERÁPICO INTEIRAMENTE NACIONAL. O PERFIL DE ABSORÇÃO SERÁ AVALIADO UTILIZANDO TÉCNICAS CROMATOGRÁFICAS. PARALELAMENTE SERÁ AVALIADO POR ESPECTROMETRIA DE MASSAS QUAIS OS METABÓLITOS FORMADOS E/OU ABSORVIDOS, DEMONSTRANDO ASSIM SE O FLAVONÓIDE É ATIVO OU SEUS METABÓLITOS.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (9) / Mestrado acadêmico: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / Andréa Diniz - Integrante / Jaqueline Tobias de Moraes - Integrante / Diego Soares Domingues - Integrante / Matheus Sampaio Goveia - Integrante / Claudete Faiad Name - Integrante / Norberto Peporine Lopes - Integrante / Phileno Pinge Lopes - Integrante / Vinicius Renovato de Souza - Integrante / Patrick Juliano Alves Gomes wietchorek - Integrante / Gabriela Amaral Buqui - Integrante / Franciele Barbieri - Integrante / Barbara Sthefani Caldas - Integrante / Eric Henrique da Silva Alves - Integrante / Francisco Granziera Junior - Integrante / Mariana Gracino Pereira - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro / Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa., Número de produções C, T & A: 27 / Número de orientações: 3

  • 2008 - 2010

    AVALIAÇÃO DO EMPREGO DE PERFIS DE CARBOIDRATOS POR HPAE/HPLC-PAD PARA CARACTERIZAÇÃO E CORRELAÇÃO COM A QUALIDADE DE MATÉRIAS-PRIMAS EMPREGADAS NA PRODUÇÃO DE CAFÉS TORRADO E MOÍDO BRASILEIROS, Descrição: Projetono. 05637 cadastrado na UEL/PROPPG - Tipo de Cadastro: PROJETO DE PÓS-GRADUAÇÃO - RESOLUÇÃO 274/2005 Tipo de Pesquisa: DISSERTAÇÃO DE MESTRADO Resumo ESPERA-SE OBTER A MESMA EFICIÊNCIA EMPREGANDO A METODOLOGIA PROPOSTA PELA A ISO 11292, UTILIZADA PARA A DETERMINAÇÃO DE CARBOIDRATOS LIVRES E TOTAIS CONTIDOS EM CAFÉS SOLÚVEIS, PARA O CAFÉ TORRADO E MOÍDO, O QUE SERÁ VERIFICADO POR MEIO DA VALIDAÇÃO DA TÉCNICA. APÓS EFETUAR ESTA ETAPA, AMOSTRAS DE CAFÉS TORRADO E MOÍDO PUROS, DE PROCEDÊNCIA CONHECIDA SERÃO ANALISADAS. ESPERA-SE VERIFICAR SE EXISTEM OU NÃO DIFERENÇAS NOS TEORES DE CARBOIDRATOS PARA AS VARIEDADES DE CAFÉS ARABICA E CONILON, CONSIDERANDO-SE A INFLUÊNCIA DO GRAU DE TORRA NA DEGRADAÇÃO DESTES MONOSSACARÍDEOS. SE ESTA DIFERENÇA EXISTIR, A METODOLOGIA SERÁ TESTADA PARA VERIFICAR A POSSIBILIDADE DE SEU EMPREGO NO SENTIDO DE SE DETERMINAR A PROPORÇÃO DAS MATÉRIAS-PRIMAS UTILIZADAS NOS BLENDS NA FABRICAÇÃO DOS CAFÉS TORRADO E MOÍDO COMERCIAIS BRASILEIROS. TAMBÉM SERÃO ADOTADAS AS 2 VARIEDADES COMO PADRÕES DE MATRIZES DE CAFÉS PUROS. CASO NÃO SE VERIFIQUE DIFERENÇAS SIGNIFICATIVAS NOS PERFIS CROMATOGRÁFICOS, SOMENTE O CAFÉ ARABICA SERÁ TOMADO COMO PADRÃO DE CAFÉ PURO, O QUAL SERÁ ANALISADO, E MISTURADO EM DIFERENTES PROPORÇÕES AOS DIVERSOS ADULTERANTES. UM PERFIL CROMATOGRÁFICO DE CADA UM DOS ADULTERANTES PUROS MAIS COMUMENTE ADICIONADOS AO CAFÉ, TAIS COMO, CASCAS, PAUS, MILHO, CEVADA, AÇÚCAR MASCAVO E SOJA, SERÁ ANALISADO, PARA VERIFICAR SE OS TEORES DE CARBOIDRATOS PERMITEM A DISTINÇÃO, TANTO QUALITATIVA QUANTO QUANTITATIVA, ENTRE ELES. ENTÃO, ATRAVÉS DE PLANEJAMENTO QUIMIOMÉTRICO, PRETENDE-SE VARIAR AS PROPORÇÕES DA MISTURAS, PARA SE VERIFICAR SE É POSSÍVEL Á DISTRIBUIÇÃO EM GRUPOS, EMPREGANDO DENDOGRAMAS E ANÁLISE DE COMPONENTES PRINCIPAIS.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (6) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Elis Daiane Pauli - Integrante / Matheus Sampaio Goveia - Integrante / Franciele Barbieri - Integrante / Estéfano Nakamura - Integrante / Julia Estéfane Martins de Abreu - Integrante., Financiador(es): Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa., Número de produções C, T & A: 13 / Número de orientações: 4

  • 2007 - 2010

    Avaliação da influência da variabilidade genética de microorganismos e marcadores químicos na qualidade da bebida de cafés brasileiros, Descrição: Descrição: O café é a segunda bebida mais popular do mundo, sendo que o Brasil é o 2º maior mercado consumidor e detém a posição de maior produtor e exportador mundial de café verde, com faturamento previsto para 2007 em 1,25 bilhões de dólares. O consumo em doses moderadas de café torrado (3 a 4 xícaras ao dia) permite classificá-lo como uma planta funcional nutracêutica, capaz de prevenir depressão, tabagismo, alcoolismo, diabetes tipo II, mau de rkinson e mesmo infarto do miocárdio, por conter compostos com ação antioxidante e antagonista opióide. Pelo fato da qualidade da bebida do café determinar seu consumo e seu valor comercial, é de fundamental importância compreender e a avaliar os fatores que a influenciam. Dados descritos na literatura demonstram existir certa correspondência entre a baixa qualidade da bebida do café e a presença de alguns compostos químicos e sua microflora. O elevado consumo do café pela população mundial, as conseqüências à saúde humana, atrelado ao impacto econômico produzido e à complexidade da matriz, justifica a necessidade desta relação ser mais bem investigada. O presente estudo visa avaliar a variabilidade entre populações microbiológicas de cafés com bebida de boa qualidade (mole) e má qualidade (Rio), de diferentes regiões do país, identificando os fungos presentes nos grãos Rio, e verificando possíveis correlações qualitativas e quantitativas entre o sabor desagradável e os metabólitos por ele produzidos. Ferramentas quimiométricas serão utilizadas no sentido de correlacionar parâmetros genômicos e marcadores químicos, verificando possíveis associações entre a exacerbação de processos fermentativos, advindos do desenvolvimento fúngico, em função de fatores como teores de cafeína, umidade, ocratoxina A e defeitos dos grãos, e o aparecimento de bebida Rio no gênero Coffea arabica e sua ausência no gênero Coffea Robusta... , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) Doutorado: (1) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / VALDERI CRISTIANO - Integrante / Ilza Lobo - Coordenador / Maria Helena Fúngaro - Integrante / Daniele Sartori - Integrante., Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 1

  • 2007 - 2009

    Miniaturização de Métodos Cromatográficos de Alta Resolução (uGC,uSFC,uLC) e suas Aplicações na Solução de Problemas Sociais (Meio Ambiente, Alimentos, Saude Publica e Combustiveis)., Descrição: Descrição: Projeto enviado pelo IQSC-USP - Laboratório CROMA pelo Prof. Dr. Fernando Mauro Lanças aprovado pela FAPESP, onde o Grupo DIA participa em colaboração efetuando as seguintes tarefas: 1 Desenvolvimento de Softwares para controle da Instrumentação - Grupo DIA, com a colaboração do Professor Dr. Camara, pretende elaborar softwares que permitam executar os experimentos, bem como, adquirir os dados e promover seu tratamento estatístico. O Grupo já desenvolveu vários programas tanto para Técnicas Eletroquímicas e Eletroanalíticas (parte da Tese de Doutoramento Prof. Camara), assim como, Cromatográficas (parte da Tese de Doutoramento Profa. Suzana). A programação deverá ser desenvolvida em Microsoft Visual Basic e LabView para funcionar em ambiente Windows. O desempenho do software desenvolvido será comparado à alguns comercializados por empresas especializadas nas áreas de eletroquímica (software da EcoChemie do Potenciostato Autolab) e de cromatografia (Empower - software gerenciador da Waters), checando parâmetros como potenciais aplicados, áreas de integração de picos, resultados analíticos entre outros, colocados em formas de planilhas e bancos de dados. 2 Teste de desempenho da Instrumentação- Alguns módulos do sistema instrumental construído serão avaliados em relação a equipamentos comerciais adquiridos por Projeto do PADCT, como as células eletroquímicas e alguns sistemas UV-Vis, pela facilidade de acoplamento entre o sistema "home-made" e o comercial, com um gerenciamento único e simultâneo feito pelo software desenvolvido. 3 Validação da Instrumentação-Alunos de Graduação e Pós Graduação já treinados nos processos de Validação de Equipamentos, atuarão nesta etapa, sob a nossa orientação, checando parâmetros de repetibilidade e reprodutibilidade da instrumentação proposta, e sugerindo como usuários a inserção de ferramentas facilidadoras e de "auto-check" que garantam um bom desempenho dos equipamentos 4 Val. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / LUIZ HENRIQUE MAZO - Integrante / FERNANDO MAURO LANÇAS - Coordenador / LINCOLN FIGUEIRA MARINS COUTINHO - Integrante / ALESSANDRA MAFFEI MONTEIRO - Integrante / Diego Soares Domingues - Integrante., Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 1

  • 2005 - 2007

    Desenvolvimento de um sistema para monitoramento e controle automatizado do pH, condutividade e nitrato da solução empregada no cultivo da alface hidropônica, Descrição: No cultivo hidropônico a solução de irrigação tem que conter nutrientes suficientes para que a planta se desenvolva adequadamente. Com o consumo destes nutrientes o pH e a condutividade variam ao longo do cultivo. A análise da solução nutriente é feita em laboratório pela retirada de alíquotas periodicamente, para correção do ph e condutividade. No presente trabalho será desenvolvido um sistema instrumental automatizado controlado por um microcomputador PC, capaz de monitorar e controlar continuamente as variações de pH, nitrato e condutividade ocorridas nas soluções nutriente durante o cultivo hidropônico. O sistema consistirá de uma bomba peristáltica, Que fará a solução nutriente circular entre células de fluxo condutimétrica e potenciométrica (pH e nitrato). O controle da concentração de nitrato também será realizado pelo método espectrofotométrico em sistema FIA. A aquisição do sinal analítico, assim como o acionamento das válvulas solenóides serão realizados por um circuito externo de chaveamento controlado por um microcomputador através de uma interface a/d & d/a com linhas de controle a nível TTL. Todo sistema será gerenciado por um software desenvolvido por programação Labview. A aplicação será realizada no cultivo da alface em estufa experimental, com monitoramento e correção automatizada do pH, condutividade e nitrato por um período de 30 dias. Os resultados serão avaliados com relação ao desempenho do cultivo em termos de produtividade e melhoria da qualidade. O Projeto foi aprovado por mérito junto a Fundação Araucária, estando cadastrado na PROPPG da UEL.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / JOÃO CARLOS ALVES - Integrante / HIDEAKI WILSON TAKAHASHI - Integrante / Diego Soares Domingues - Integrante., Financiador(es): Universidade Estadual de Londrina - Cooperação., Número de produções C, T & A: 5

  • 2000 - 2004

    Desenvolvimento metodológico e automação instrumental para determinação de carboidratos em café, Descrição: Um sistema automático totalmente ?home-made? para detecção por pulsos amperométrico (PAD) utilizando ultramicroeletrodos (UMEs) foi desenvolvido para HPLC. Seu desempenho deverá estar sendo avaliado através da análise de carboidratos adotada como metodologia oficial na determinação de carboidratos. O sistema como um todo é controlado via microcomputador, comandado por software através de uma interface ADC/DCA & Controladora, intermediado por um circuito externo de chaveamento que comanda o detector. A utilização dos pulsos visa reativar a superfície eletródica. Os ultramicroeletrodos permitem a simplificação da instrumentação para uma configuração de 2 eletrodos, o que reduz seu custo e viabiliza a construção no próprio laboratório de vários tipos de células com diferentes tipos de metais e dimensões para os UMEs. Sendo possível a realização de diversos estudos de otimização eletroquímicos, eletroanalíticos; e cromatográficos através de um único instrumental. Projeto aprovado e financiado pelo FINEP e Cia. Cacique de Café Solúvel S/A.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / LUIZ HENRIQUE MAZO - Integrante / FERNANDO MAURO LANÇAS - Integrante / VALDERI CRISTIANO - Integrante / NILSON MENDES - Integrante / PAULO LAURO CORREA DE OLIVEIRA - Integrante / LINCOLN FIGUEIRA MARINS COUTINHO - Integrante., Financiador(es): Companhia Cacique de Café Solúvel S A - Auxílio financeiro / Financiadora de Estudos e Projetos - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 16 / Número de orientações: 11

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de desenvolvimento

  • 2016 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE METODOLOGIA RÁPIDA PARA DETECÇÃO DE FORMOL NO LEITE, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Vanerli Beloti em 13/05/2016., Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 10191 Tipo de Cadastro: 18 - PROJETOS CEPE / UEL - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: INOVAÇÃO TECNOLÓGICA Classificação: Aplicada Processo: / Relatório: Término Previsto: 27/04/2017 Área do CNPQ: MEDICINA VETERINARIA Resumo do Projeto A QUALIDADE DO LEITE CONSUMIDO É UMA CONSTANTE PREOCUPAÇÃO DOS TÉCNICOS E AUTORIDADES LIGADOS À ÁREA DE SAÚDE E LATICÍNIOS BEM COMO DOS CONSUMIDORES. UM DOS PROBLEMAS MAIS GRAVES SÃO AS DIVERSAS FRAUDES QUE CAUSAM PREJUÍZOS ECONÔMICOS, RISCOS À SAÚDE DOS CONSUMIDORES E PROBLEMAS TECNOLÓGICOS PARA AS INDÚSTRIAS. O LEITE É UM DOS ALIMENTOS QUE MAIS COMUMENTE SOFRE ADULTERAÇÕES E O CONSIDERA-SE FRAUDADO QUANDO OCORRE O DESNATE ANTES DE SEU PROCESSAMENTO OU QUANDO SÃO ADICIONADAS SUBSTÂNCIAS PROIBIDAS PELA LEGISLAÇÃO OU DE QUAISQUER ELEMENTOS ESTRANHOS A SUA COMPOSIÇÃO. AS FRAUDES NO LEITE TÊM COMO OBJETIVOS PRINCIPAIS AUMENTAR O VOLUME E CONTROLAR AS ALTERAÇÕES PROVOCADAS PELOS MICRORGANISMOS. A ADIÇÃO DE CONSERVANTES É UMA FRAUDE RELACIONADA À CONTAMINAÇÃO DO LEITE. SÃO UTILIZADAS DIVERSAS SUBSTÂNCIAS PARA ESTE FIM, E DENTRE ELAS, O FORMALDEÍDO, TENDO COMO OBJETIVO PRINCIPAL A REDUÇÃO OU ELIMINAÇÃO DE MICRORGANISMOS PRESENTES NO LEITE, PREVENINDO AS ALTERAÇÕES DECORRENTES DE SUA MULTIPLICAÇÃO. O FORMOL É CONSIDERADO ALTAMENTE TÓXICO AO SER INGERIDO, INALADO OU EM CONTATO COM A PELE, POR VIA INTRAVENOSA, INTRAPERITONEAL OU SUBCUTÂNEA, POIS PROMOVE MUTAÇÃO EM CÉLULAS SADIAS TRANSFORMANDO-AS EM CÉLULAS CARCINOGÊNICAS. POR ESTE MOTIVO, ESTA SUBSTÂNCIA FOI PROIBIDA DE SER USADA EM VÁRIOS SETORES, COMO O DE BELEZA, COSMÉTICO E ALIMENTÍCIO. E, NOS SETORES EM QUE É AINDA UTILIZADA, EXISTE UM LIMITE LEGAL DE EXPOSIÇÃO DO FORMOL AO HOMEM, O QUAL SE NÃO OBEDECIDO PODE LEVAR A EFEITOS PREJUDICIAIS À SAÚDE, ALÉM DE MULTAS ÀS EMPRESAS. ATUALMENTE, A ANÁLISE DE FORMOL EM LEITE ENCONTRA-SE ESPECIFICADA NA INSTRUÇÃO NORMATIVA N° 68/2006, NO TÓPICO MÉTODOS ANALÍTICOS FÍSICO-QUÍMICOS OFICIAIS PARA LEITE E PRODUTOS LÁCTEOS. A PROVA EXIGE A DESTILAÇÃO DO LEITE, É DEMORADA E LABORIOSA, O QUE DIFICULTA SUA EXECUÇÃO NA RECEPÇÃO DO LEITE, DE FORMA QUE EVITE SUA ENTRADA NA INDÚSTRIA. A NORMA CLASSIFICA O MÉTODO COMO QUALITATIVO, INDICANDO SE HÁ OU NÃO A PRESENÇA DO CONSERVANTE NO PRODUTO. RECENTEMENTE, NAS OPERAÇÕES LEITE COMPENSADO, O FARMACÊUTICO FABIANO BARRETO, UM DOS SUPERVISORES TÉCNICOS DO LABORATÓRIO NACIONAL AGROPECUÁRIO NO RIO GRANDE DO SUL, AFIRMOU QUE UTILIZANDO ESTE MÉTODO OFICIAL EM 60 AMOSTRAS DE LEITE, DEMOROU CERCA DE 15 DIAS PARA AVALIAR A PRESENÇA OU NÃO DE FORMOL, OU SEJA, APROXIMADAMENTE 4 AMOSTRAS/DIA. ASSIM, A INDÚSTRIA DE LATICÍNIOS TEM A NECESSIDADE DE PROVAS QUE PERMITAM A DETECÇÃO DE RESÍDUOS DE FORMOL COM MAIOR AGILIDADE E BAIXO CUSTO, PERMITINDO O RASTREAMENTO DE TODO O LEITE RECEBIDO PELA INDÚSTRIA.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (3) Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / Vanerli Beloti - Coordenador / Lycio Shinji Watanabe - Integrante / Yuri Renan Bovolenta - Integrante / NATALIA GONZAGA - Integrante / RONALDO TAMANINI - Integrante / JULIANA MAREZE - Integrante., Financiador(es): LONDRILAB COMERCIO DE PRODUTOS MICROBIOLOGICOS LTDA - EPP - Cooperação., Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 1

  • 2015 - Atual

    AVALIAÇÃO E ESTABELECIMENTO DE PADRÃO OFICIAL BRASILEIRO DA IDENTIDADE E QUALIDADE DO CAFÉ TORRADO E MOÍDO COMERCIAL, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09632 Tipo de Cadastro: 16 - PROJETOS INTEGRADOS - PES/EXT/ENS Tipo de Pesquisa: TRABALHO CIENTÍFICO Classificação: Aplicada Término Previsto: 08/07/2017 Área do CNPQ: QUIMICA Resumo do Projeto O CAFÉ É A 2ª COMMODITY MAIS COMERCIALIZADA DO MUNDO. O BRASIL POR SUA VEZ, FIGURA COMO O MAIOR PRODUTOR E EXPORTADOR MUNDIAL, E É O 2º MAIOR CONSUMIDOR. APESAR DE SUA RELEVÂNCIA, O DEPARTAMENTO DE INSPEÇÃO DE PRODUTOS DE ORIGEM VEGETAL (DIPOV), ÓRGÃO REGULADOR E FISCALIZADOR DA SECRETARIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA DO MINISTÉRIO DA AGRICULTURA (MAPA), NÃO POSSUI QUALQUERREGULAMENTO TÉCNICO QUE ESTABELEÇA UM PADRÃO OFICIAL DE IDENTIDADE E QUALIDADE PARA O CAFÉ TORRADO E MOÍDO. POR ISSO, FREQUENTEMENTE NAS 2.400 MARCAS COMERCIALIZADAS NO MERCADO INTERNO, ENCONTRAM-SE MISTURADOS MATERIAIS DE MAIS BAIXO CUSTO/QUALIDADE. DENTRE AS ADIÇÕES MAIS COMUNS ESTÃO: CAFÉ DE MENOR PREÇO - CONILON OU ROBUSTA; CAFÉS DE MENOR QUALIDADE ? ESCOLHA COM GRÃOS DEFEITUOSOS COMO: VERDE, PRETO E ARDIDO; ADULTERANTES, TAIS COMO: MILHO, TRIGO, TRIGUILHO, SOJA, TRITICALE, AÇÚCAR MASCAVO, SEMENTES DE AÇAÍ, CEVADA; E IMPUREZAS COMO: CASCAS, PAUS E TORRÕES DE TERRA. PORTANTO, ESTE PROJETO OBJETIVA MAPEAR A QUALIDADE DO CAFÉ TORRADO E MOÍDO COMERCIALIZADO NO PARANÁ EM 2015, E ESTABELECER UM PADRÃO DE IDENTIDADE E QUALIDADE PARA O BRASIL. PARA ISSO, SERÃO EFETUADAS ANÁLISES SENSORIAIS E DE CARBOIDRATOS, VISANDO VERIFICAR A ADIÇÃO DE ADULTERANTES E IMPUREZAS, BEM COMO, AVERIGUAR A POSSIBILIDADE, DE PELO TEOR DE CAFEÍNA ESTABELECER A PROPORÇÃO DE CAFÉ CONILON MISTURADO AO ARÁBICA, EMPREGANDO A CROMATOGRAFIA A LÍQUIDO DE ALTA EFICIÊNCIA (HPLC). ESPERA-SE DESTA FORMA, ENCONTRAR MARCADORES EFICAZES, E COM O USO DE ANÁLISES QUIMIOMÉTRICAS MULTIVARIADAS CONHECER A INFLUÊNCIA DAS ADIÇÕES, CONTRIBUINDO PARA O ESTABELECIMENTO DESTE PERFIL DE QUALIDADE. ESPERA-SE AINDA, POSSIBILITAR A IMPLEMENTAÇÃO DE INSTRUÇÃO NORMATIVA PARA QUE REGULAMENTE O SETOR, TORNANDO A FISCALIZAÇÃO MAIS EFETIVA POR PARTE DOS ÓRGÃOS FISCALIZADORES, MELHORANDO A QUALIDADE DOS PRODUTOS COMERCIALIZADOS, PELA COIBIÇÃO DE FRAUDES, ASSIM COMO, GARANTINDO AO CONSUMIDOR O ACESSO A INFORMAÇÕES SOBRE OS PRODUTOS POR ELE CONSUMIDOS.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (7) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Joao Pereira dos Santos - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Maria de Almeida Silva - Integrante / Giselle Lopes Silva - Integrante / Thais Tiemi Nakahara - Integrante / Caroline Teixeira Lopes - Integrante / Mayara Portieri Alves da Silva - Integrante / ELTON MASSAROLLO - Integrante / DENIS NESTOR DA SILVA - Integrante / FRANCISCO BARBOSA LIMA - Integrante / JOSE LUCAS REZENDE DE PAULA - Integrante / ANDREA ELOISA DA SILVA REIS - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa., Número de produções C, T & A: 8 / Número de orientações: 8

  • 2015 - Atual

    DESENVOLVIMENTO E VALIDAÇÃO DE MÉTODOS PARA DETERMINAÇÃO DE ESOMETRAZOL EM MATÉRIA-PRIMA E FORMAS FARMACÊUTICAS, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09612 Tipo de Cadastro: 18 - PROJETOS CEPE / UEL - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TRABALHO CIENTÍFICO Classificação: Aplicada Término Previsto: 08/07/2018 Área do CNPQ: QUIMICA Desenvolvimento do Projeto Data Situação Motivo 09/07/2015 EM EXECUÇÃO Resumo do Projeto O REFLUXO GASTRESOFÁGICO (DRGE) É UMA DOENÇA CRÔNICA DE PREVALÊNCIA NA POPULAÇÃO ADULTA DO MUNDO OCIDENTAL (10-20%) PRODUZINDO IMPACTO SOCIOECONÔMICO SIGNIFICATIVO. O ESOMEPRAZOL É O MEDICAMENTO CONSIDERADO EFICAZ PARA TRATAR O DRGE, POR INIBIR A ENZIMA K+ATPASE DA BOMBA DE PRÓTONS, BLOQUEANDO A ETAPA FINAL DA SECREÇÃO ÁCIDA GÁSTRICA. EMBORA, COMERCIALIZADO COMO MEDICAMENTO REFERÊNCIA E GENÉRICO, ATÉ O MOMENTO, CONSTATA-SE AUSÊNCIA DE MONOGRAFIA DESCREVENDO MÉTODO PARA O CONTROLE DE QUALIDADE NA FARMACOPEIA BRASILEIRA. A VALIDAÇÃO DE UM MÉTODO VISA ASSEGURAR A CONFIABILIDADE DOS RESULTADOS ANALÍTICOS, SENDO OS PARÂMETROS NORMALMENTE DETERMINADOS: SELETIVIDADE; LINEARIDADE; PRECISÃO; EXATIDÃO; FAIXA LINEAR; ROBUSTEZ; LIMITE DE DETECÇÃO E LIMITE DE QUANTIFICAÇÃO. NESTE TRABALHO, SERÃO DESENVOLVIDOS E VALIDADOS MÉTODOS EMPREGANDO A CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ALTA EFICIÊNCIA (HPLC) E ESPECTROFOTOMETRIA ULTRAVIOLETA (UV), COM AUTOMAÇÃO POR ANÁLISE DE INJEÇÃO EM FLUXO (FIA), VISANDO DETERMINAR O TEOR DE ESOMETRAZOL EM MATÉRIA-PRIMA E COMPRIMIDOS. PRETENDE-SE CONTRIBUIR PARA O CONTROLE DE QUALIDADE DO MEDICAMENTO, GARANTINDO A EFICÁCIA DO TRATAMENTO E COLABORANDO COM A QUALIDADE DE VIDA DE PORTADORES DE DOENÇA DO REFLUXO GASTRESOFÁGICO.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / Mirela Fulgencio Rabito - Integrante / Marlene Maria Fregonezi Nery - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Alan Carlos Correa - Integrante / Jessica Vertuan Rufino - Integrante / Fernando Cesar Queiroz da Silva - Integrante / Felipe Braga Trombeta - Integrante / Lúcio César de Almeida - Integrante., Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 3

  • 2015 - Atual

    CELULOSE BACTERIANA: PRODUÇÃO E APLICAÇÕES BIOMÉDICAS, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 10160 Tipo de Cadastro: 17 - ÓRGÃOS EXTERNOS DE FOMENTO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TRABALHO CIENTÍFICO Classificação: Básica Término Previsto: 16/12/2018 Área do CNPQ: CIENCIA E TECNOLOGIA DE ALIMENTOS 17/12/2015 EM EXECUÇÃO Resumo do Projeto O PROJETO É PARTE INTEGRANTE DE UM MACROPROJETO INICIADO NO ANO DE 2013, PRODUÇÃO DE FERMENTADO ACÉTICO A PARTIR DO MELAÇO DE SOJA, MESTRADO DO ALUNO ORIENTADO E COORIENTADO PELAS PROFAS DO DCTA/CCA/UEL. O OBJETIVO ERA AVALIAR A UTILIZAÇÃO DO MELAÇO DE SOJA PARA A PRODUÇÃO DE FERMENTADO ACÉTICO, PELO PROCESSO SUBMERSO. FOI ESTUDADO O RENDIMENTO DA FERMENTAÇÃO ALCOÓLICA, EM CONCENTRAÇÕES INICIAS DE MELAÇO DE SOJA DE 20, 25 E 30 ºBRIX, EM CONDIÇÃO ESTÁTICA OU SOB AGITAÇÃO. A MÁXIMA PRODUÇÃO DE ETANOL FOI DE 47,56 G/L PARA A FERMENTAÇÃO SOB AGITAÇÃO. A PARTIR DO FERMENTADO ALCOÓLICO DE MELAÇO DE SOJA, FOI PRODUZIDO O FERMENTADO ACÉTICO E ACOMPANHADO OITO CICLOS FERMENTATIVOS. A ACIDEZ MÉDIA DOS FERMENTADOS FOI DE 50,70 G/L COM RENDIMENTO EM ÁCIDO ACÉTICO (YAA), RENDIMENTO EM CONCENTRAÇÃO TOTAL (YCT) E PRODUTIVIDADE MÉDIA (PAA) DE 65,02, 92,76% E 0,033G/L/H, RESPECTIVAMENTE. OBSERVOU-SE A FORMAÇÃO DE UM ESPESSO POLÍMERO (CELULOSE BACTERIANA). A 2a ETAPA DO ESTUDO VISA À PRODUÇÃO CONSORCIADA DE ÁCIDO ACÉTICO E CELULOSE, POR BACTÉRIAS ACÉTICAS, A PARTIR DE MELAÇO DE SOJA PARA EXECUÇÃO EXPERIMENTAL E OBTENÇÃO DO TÍTULO DE MESTRE DO ALUNO RODRIGO JOSÉ GOMES. A PROPOSTA CENTRA-SE EM ESTUDAR E OTIMIZAR A PRODUÇÃO CONCOMITANTE, DE ÁCIDO ACÉTICO E DA CELULOSE, POR BACTÉRIAS ACÉTICAS, AVALIANDO O MÉTODO LENTO DE PRODUÇÃO DE VINAGRE, A PARTIR DO MELAÇO DE SOJA. INVESTIGAR O EFEITO DAS VARIÁVEIS TEMPERATURA E RELAÇÃO ENZIMA/SUBSTRATO NA OTIMIZAÇÃO DA HIDRÓLISE ENZIMÁTICA DO MELAÇO PARA POSTERIOR FERMENTAÇÃO ALCOÓLICA E ACÉTICA. IDENTIFICAR E CARACTERIZAR MOLECULARMENTE AS CEPAS BACTERIANAS ISOLADAS, RESPONSÁVEIS PELA BIOCONVERSÃO E COM MAIORES POTENCIAIS DE PRODUÇÃO DO POLÍMERO, ATRAVÉS DA AMPLIFICAÇÃO DE REGIÃO DO DNA RIBOSSOMAL, SEGUIDO DE SEQUENCIAMENTO. CARACTERIZAR A COMPOSIÇÃO DE ÁCIDOS VOLÁTEIS NO FERMENTADO, POR CROMATOGRAFIA E ESPECTROMETRIA DE MASSAS E POR RESSONÂNCIA MAGNÉTICA NUCLEAR. CARACTERIZAR A CELULOSE POR ESPECTROSCOPIA DE INFRAVERMELHO, MICROSCOPIA ELETRÔNICA DE VARREDURA, MICROSCOPIA DE FORÇA ATÔMICA, DIFRATOMETRIA DE RAIO X E RESSONÂNCIA MAGNÉTICA NUCLEAR. COMPARAR ESTE ESTUDO COM OUTROS DESENVOLVIDOS QUE ENVOLVAM OS MECANISMOS DE SÍNTESE DO BIOPOLÍMERO E OS ASPECTOS RELACIONADOS COM SUA ESTRUTURA E PROPRIEDADES. ESTA PRODUÇÃO SIMULTÂNEA PODE VIABILIZAR ECONOMICAMENTE A PRODUÇÃO DE CELULOSE, UMA VEZ QUE OS RENDIMENTOS AINDA SÃO CONSIDERADOS BAIXOS E TAMBÉM AGREGAR VALOR À INDÚSTRIA PRODUTORA DE FERMENTADOS ACÉTICOS. O MESMO FAZ PARTE COMO PLANO DE AÇÃO (PA3), DO MACROPROGRAMA 2, INTITULADO CELULOSE BACTERIANA: PRODUÇÃO E APLICAÇÕES BIOMÉDICAS, DA LINHA NANOTECNOLOGIA NO AGRONEGÓCIO: NOVAS FRONTEIRAS CONTEXTUALIZADAS ÀS NECESSIDADES, DA EMBRAPA. SÃO PARTICIPANTES AS UNIDADES DA EMBRAPA, CNPAT, CTAA E CNPSO, QUATRO UNIVERSIDADES (UFC, UFF, UNICAMP, UEL) E INMETRO. O PA3 DA UEL, SERÁ O RESPONSÁVEL PELAS ATIVIDADES RELACIONADAS À PRODUÇÃO DE CB DE MELAÇO DE SOJA, UTILIZANDO ROTA ACÉTICA, POR MEIO DE ESPÉCIES DO GÊNERO GLUCONOBACTER SP. AS ATIVIDADES DO GRUPO DO DCTA SÃO OBTENÇÃO DA MATÉRIA-PRIMA JUNTO ÀS INDÚSTRIAS PRODUTORAS, REMESSA DO MATERIAL PARA OS PARTICIPANTES DO GRUPO, CARACTERIZAÇÃO QUÍMICA DA MATÉRIA PRIMA, COLETA, ISOLAMENTO E SELEÇÃO DOS MICRORGANISMOS DE UNIDADES PRODUTORAS DE VINAGRE, BEM COMO O ESTUDO DO PROCESSO FERMENTATIVO. IDENTIFICAÇÃO E CARACTERIZAÇÃO DE CEPAS ISOLADAS SERÁ EXECUTADA NO DEPARTAMENTO DE BIOLOGIA E GENÉTICA CARACTERIZAÇÕES DA CB E DOS FERMENTADOS ACÉTICOS SERÃO EXECUTADOS NOS LABORATÓRIOS DO DEPARTAMENTO DE BIOQUÍMICA. O PA3 É FINANCIADO COM RECURSOS DA EMBRAPA, NO VALOR DE R$ 90.325,00. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (4) / Doutorado: (5) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / Elza Iouko Ida - Integrante / Wilma Aparecida Spinosa - Coordenador / JOSE MARCOS GONTIJO MANDARINO - Integrante / CESAR AUGUSTO TISCHER - Integrante / DIEGO GALVAN - Integrante / FERNANDA GARCIA DE ALMEIDA - Integrante / FERNANDA SILVA FARINAZZO - Integrante / GEOVANA PIVETA RIBEIRO - Integrante / LAURIVAL ANTONIO VILAS BOAS - Integrante / MARIANA ASSIS DE QUEIROZ C.. - Integrante / RODRIGO JOSÉ GOMES - Integrante / TAMARA MACIEL MACHADO - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2014 - Atual

    PROTIUM PILOSUM (TETRAGASTRIS PILOSA) DA FAMÍLIA BUCERACEA: MARCADORES COM POTENCIAL ATIVIDADE ANTIMALÁRIA E ANTILESHMANIA, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09186 Tipo de Cadastro: 20 - PROJETOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: DISSERTAÇÃO DE MESTRADO Classificação: Aplicada Término Previsto: 16/08/2016 Resumo do Projeto OS NÍVEIS DE PESSOAS INFECTADAS POR DOENÇAS NEGLIGENCIADAS COMO MALÁRIA E LEISHMANIOSE SÃO ALARMANTES NO BRASIL. UM DOS FATORES É O CRESCIMENTO POPULACIONAL DESORDENADO, QUE ACARRETA NÃO SÓ PROBLEMAS SOCIOECONÔMICOS, MAS TAMBÉM AMBIENTAIS. ATRELADAS À ESTE, A FALTA DE SANEAMENTO BÁSICO SÃO FATORES QUE CONTRIBUEM PARA UM AMBIENTE PROPICIO AO CRESCIMENTO DOS VETORES DA DOENÇA, E DESTA FORMA, PARA O AUMENTO DO NÚMERO DE CASOS DE PESSOAS INFECTADAS. ATUALMENTE NÃO EXISTE VACINA CONTRA A MALÁRIA E A LEISHMANIOSE, E NEM TRATAMENTOS EFICAZES E ATÓXICOS. UMA ALTERNATIVA CORRIQUEIRA UTILIZADA POR COMUNIDADES NA REGIÃO AMAZÔNICA É O USO DO EXTRATO DE PLANTAS QUE COMBATEM OS SINTOMAS DA MALÁRIA E LEISHMANIOSE, UMAS DELAS É A P. PILOSUM, CONHECIDA POPULARMENTE COMO BREU BRANCO. ASSIM, BASEADO NO USO POPULAR DA P. PILOSUM, BUSCA-SE NESTE TRABALHO IDENTIFICAR EVIDÊNCIAS CIENTÍFICAS DA SUA EFICÁCIA, POR MEIO DO ESTUDO DE EXTRATOS OBTIDOS DO P. PILOSUM FRENTE AOS PROTOZOÁRIOS. A OBTENÇÃO DOS EXTRATOS SERÁ REALIZADA POR DIVERSOS MÉTODOS, TAIS COMO MACERAÇÃO, SOXHLET, ULTRA-SOM E CROMATOGRAFIA POR COLUNA DE FRACIONAMENTO. O EXTRATO QUE APRESENTAR MAIOR POTENCIAL EM TERMOS DE PRINCÍPIOS ATIVOS SERÁ AVALIADO POR CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ALTA EFICIÊNCIA. PRETENDE-SE COM ESTE TRABALHO AVANÇAR NO CONHECIMENTO DOS COMPONENTES DESTA PLANTA, VERIFICANDO A ATIVIDADE FRENTE AOS AGENTES ETIOLÓGICOS DA MALÁRIA E DA LEISHMANIOSE.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (2) Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Agerdânio Andrade De Souza - Integrante., Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 3

  • 2014 - Atual

    TÉCNICAS EXTRATIVAS PARA ANÁLISE DE PESTICIDAS, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09923 Tipo de Cadastro: 20 - PROJETOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TESE DE DOUTORADO Classificação: Aplicada Término Previsto: 23/02/2018 Área do CNPQ: QUIMICA Resumo do Projeto COM O CRESCIMENTO CONTÍNUO DO AGRONEGÓCIO BRASILEIRO, O CONSUMO DE AGROTÓXICOS E A POLUIÇÃO, POR ESTE CAUSADA, TENDEM A SEGUIR A MESMA PROJEÇÃO DE CRESCIMENTO. SABE-SE QUE O CONTATO DIRETO OU INDIRETO COM ESTE TIPO DE PRODUTO TRAZ CONSEQUÊNCIAS Á LONGO PRAZO PARA A SAÚDE. SENDO ASSIM, UM CONTROLE AMBIENTAL RÍGIDO DEVE SER REALIZADO, OBJETIVANDO O USO DE ANÁLISES RÁPIDAS, DE FÁCIL EXECUÇÃO E COM MENOR GERAÇÃO DE RESÍDUOS. TÉCNICAS CONSAGRADAS COMO A EXTRAÇÃO LÍQUIDO-LÍQUIDO (LLE) VÊM PERDENDO ESPAÇO PARA AS QUE UTILIZAM MENOS SOLVENTES, COMO EXTRAÇÃO FASE SÓLIDA (SPE), E PARA OUTRAS QUE SEGUEM AS TENDÊNCIAS DE MINIATURIZAÇÃO E AUTOMAÇÃO ANALÍTICA. NESTE CONTEXTO DESTACA-SE A EXTRAÇÃO SORTIVA EM BARRA DE AGITAÇÃO MAGNÉTICA (SBSE) QUE UTILIZA UMA FASE POLIMÉRICA, PARA QUAL O ANALITO É TRANSFERIDO. O DESENVOLVIMENTO DE METODOLOGIAS EXTRATIVAS AINDA É UM DESAFIO, DEVIDO A GRANDE QUANTIDADE DE FATORES ANALÍTICOS CRÍTICOS E INTERFERENTES NAS MATRIZES AMOSTRAIS. O USO DE PLANEJAMENTOS EXPERIMENTAIS POR SUA VEZ, BUSCA A OTIMIZAÇÃO DESSAS METODOLOGIAS AO ESTUDAR AS INTERAÇÕES CRÍTICAS DE ANÁLISE. SENDO ASSIM, AO SE PROPOR NOVAS METODOLOGIAS ESSE ESTUDO FAVORECE A OBTENÇÃO DE MÉTODOS MAIS ROBUSTOS, SELETIVOS E COM CAPACIDADE EXTRATIVA ADEQUADA À NECESSIDADE À APLICAÇÃO NO CONTROLE AMBIENTAL COMO DE PESTICIDAS.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Caroline Teixeira Lopes - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Auxílio financeiro / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa., Número de produções C, T & A: 8 / Número de orientações: 4

  • 2014 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE SISTEMA CROMATOGRÁFICO IÔNICO MINIATURIZADO COM PREPARO DE AMOSTRA AUTOMATIZADO E MÉTODO QUIMIOMÉTRICO PARA AVALIAÇÃO DA QUALIDADE DO CAFÉ POR ESPECTROSCOPIA NIR E UPLC®-MS/MS, Descrição: Cadastrado na PROPPG/UEL sob o número 09924 Tipo de Cadastro: 20 - PROJETOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TESE DE DOUTORADO Classificação: Aplicada Término Previsto: 23/02/2018 Área do CNPQ: QUIMICA Resumo do Projeto DESDE QUE FOI INTRODUZIDA NO INÍCIO DO SÉCULO XX, A CROMATOGRAFIA VEM SOFRENDO GRANDES AVANÇOS. PORÉM, A MINIATURIZAÇÃO DE SISTEMAS CROMATOGRÁFICOS, APESAR DE SER CONSIDERADA UM RAMO PROMISSOR, CONTINUA BASTANTE LENTA. ESTA AINDA NÃO ALCANÇOU AMPLA DIFUSÃO, SENDO QUE O NÚMERO DE GRUPOS DE PESQUISA QUE DESENVOLVEM TRABALHOS NESSA ÁREA É BASTANTE RESTRITO. UM DOS LIMITANTES DESSE AVANÇO ESTÁ NA DIFICULDADE DE SE DESENVOLVER EQUIPAMENTOS ADEQUADOS, TÉCNICAS DE PREPARO DE AMOSTRAS, COLUNAS APROPRIADAS E SISTEMAS DE AQUISIÇÃO DE DADOS PASSÍVEIS DE APLICAÇÃO EM SISTEMAS MINIATURIZADOS. APESAR DE MUITOS DESSES PROBLEMAS POSSUÍREM RELATIVA FACILIDADE DE RESOLUÇÃO, AINDA NÃO SE DISPÕE DE EQUIPAMENTOS COMERCIALMENTE DISPONÍVEIS QUE SUPRAM AS CONDIÇÕES IMPOSTAS POR SISTEMAS MINIATURIZADOS EM SUA TOTALIDADE. ESTA DEMANDA PRECISA SER SUPRIDA PARA QUE SE POSSA USUFRUIR DE VANTAGENS COMO: MENOR CONSUMO DE SOLVENTES, UTILIZAÇÃO DE PEQUENOS VOLUMES DE AMOSTRA E, AUMENTO DE SENSIBILIDADE, INTRÍNSECOS À MINIATURIZAÇÃO DA CROMATOGRAFIA LÍQUIDA, REPRESENTANDO REDUÇÃO NO TRATAMENTO DOS RESÍDUOS, APELO IMPOSTO PELA QUÍMICA VERDE. SEGUINDO A MESMA LINHA, MÉTODOS QUE GEREM MENORES PASSÍVEIS AMBIENTAIS PRECISAM SER DESENVOLVIDOS. DURANTE AS DUAS ÚLTIMAS DÉCADAS AS ANÁLISES ESPECTRAIS POR INFRAVERMELHO PRÓXIMO (NIR), TEM SE DESTACADO COMO FERRAMENTA ANALÍTICA CONFIÁVEL E PROMISSORA PARA A AVALIAÇÃO DE ATRIBUTOS DE QUALIDADE. ESSA TÉCNICA, CONJUGADA COM FERRAMENTAS QUIMIOMÉTRICAS, APRESENTAM POTENCIAL NA OBTENÇÃO DE FORMA RÁPIDA DA COMPOSIÇÃO QUÍMICA E PROPRIEDADES RELACIONADAS Á DIVERSAS MATRIZES ALIMENTARES. PELO FATO DO CAFÉ SER A SEGUNDA COMMODITY DE MAISALTO VALOR ECONÔMICO, COSTUMA SOFRER ADULTERAÇÃO, COM ADIÇÃO DE DIVERSOS GRÃOS OU MATERIAIS DE MAIS BAIXO CUSTO, DEPENDENDO DA DISPONIBILIDADE E/OU COTAÇÃO DESTES NO MERCADO. ENTRETANTO, HÁ CARÊNCIA DE MÉTODOS ANALÍTICOS NÃO DESTRUTÍVEIS, CAPAZES DE SUPRIR A DEMANDA DE MERCADO FORNECENDO RESULTADOS RÁPIDOS E CONFIÁVEIS, PARA A VERIFICAÇÃO DA SUA QUALIDADE. VISANDO A RESOLUÇÃO DOS PROBLEMAS EXPOSTOS, ESTE ESTUDO OBJETIVA O DESENVOLVIMENTO INSTRUMENTAL DE UM SISTEMA CROMATOGRÁFICO IÔNICO MINIATURIZADO COM MÓDULO DE EXTRAÇÃO E PREPARO DE AMOSTRAS AUTOMATIZADO, DE UM MÉTODO PARA O ESTUDO DE ADULTERAÇÕES EM CAFÉ EMPREGANDO ESPECTROSCOPIA NIR E QUIMIOMETRIA E, DE UM MÉTODO PARA DISTINÇÃO ENTRE CAFÉ ROBUSTA E ARÁBICA UTILIZANDO CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ULTRA ALTA PERFORMANCE ACOPLADA A DETECTOR DE MASSAS (UPLC®-MS/MS).. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Maria de Almeida Silva - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Companhia Cacique de Café Solúvel - Cooperação., Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 6

  • 2016 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE METODOLOGIA RÁPIDA PARA DETECÇÃO DE FORMOL NO LEITE, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Vanerli Beloti em 13/05/2016., Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 10191 Tipo de Cadastro: 18 - PROJETOS CEPE / UEL - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: INOVAÇÃO TECNOLÓGICA Classificação: Aplicada Processo: / Relatório: Término Previsto: 27/04/2017 Área do CNPQ: MEDICINA VETERINARIA Resumo do Projeto A QUALIDADE DO LEITE CONSUMIDO É UMA CONSTANTE PREOCUPAÇÃO DOS TÉCNICOS E AUTORIDADES LIGADOS À ÁREA DE SAÚDE E LATICÍNIOS BEM COMO DOS CONSUMIDORES. UM DOS PROBLEMAS MAIS GRAVES SÃO AS DIVERSAS FRAUDES QUE CAUSAM PREJUÍZOS ECONÔMICOS, RISCOS À SAÚDE DOS CONSUMIDORES E PROBLEMAS TECNOLÓGICOS PARA AS INDÚSTRIAS. O LEITE É UM DOS ALIMENTOS QUE MAIS COMUMENTE SOFRE ADULTERAÇÕES E O CONSIDERA-SE FRAUDADO QUANDO OCORRE O DESNATE ANTES DE SEU PROCESSAMENTO OU QUANDO SÃO ADICIONADAS SUBSTÂNCIAS PROIBIDAS PELA LEGISLAÇÃO OU DE QUAISQUER ELEMENTOS ESTRANHOS A SUA COMPOSIÇÃO. AS FRAUDES NO LEITE TÊM COMO OBJETIVOS PRINCIPAIS AUMENTAR O VOLUME E CONTROLAR AS ALTERAÇÕES PROVOCADAS PELOS MICRORGANISMOS. A ADIÇÃO DE CONSERVANTES É UMA FRAUDE RELACIONADA À CONTAMINAÇÃO DO LEITE. SÃO UTILIZADAS DIVERSAS SUBSTÂNCIAS PARA ESTE FIM, E DENTRE ELAS, O FORMALDEÍDO, TENDO COMO OBJETIVO PRINCIPAL A REDUÇÃO OU ELIMINAÇÃO DE MICRORGANISMOS PRESENTES NO LEITE, PREVENINDO AS ALTERAÇÕES DECORRENTES DE SUA MULTIPLICAÇÃO. O FORMOL É CONSIDERADO ALTAMENTE TÓXICO AO SER INGERIDO, INALADO OU EM CONTATO COM A PELE, POR VIA INTRAVENOSA, INTRAPERITONEAL OU SUBCUTÂNEA, POIS PROMOVE MUTAÇÃO EM CÉLULAS SADIAS TRANSFORMANDO-AS EM CÉLULAS CARCINOGÊNICAS. POR ESTE MOTIVO, ESTA SUBSTÂNCIA FOI PROIBIDA DE SER USADA EM VÁRIOS SETORES, COMO O DE BELEZA, COSMÉTICO E ALIMENTÍCIO. E, NOS SETORES EM QUE É AINDA UTILIZADA, EXISTE UM LIMITE LEGAL DE EXPOSIÇÃO DO FORMOL AO HOMEM, O QUAL SE NÃO OBEDECIDO PODE LEVAR A EFEITOS PREJUDICIAIS À SAÚDE, ALÉM DE MULTAS ÀS EMPRESAS. ATUALMENTE, A ANÁLISE DE FORMOL EM LEITE ENCONTRA-SE ESPECIFICADA NA INSTRUÇÃO NORMATIVA N° 68/2006, NO TÓPICO MÉTODOS ANALÍTICOS FÍSICO-QUÍMICOS OFICIAIS PARA LEITE E PRODUTOS LÁCTEOS. A PROVA EXIGE A DESTILAÇÃO DO LEITE, É DEMORADA E LABORIOSA, O QUE DIFICULTA SUA EXECUÇÃO NA RECEPÇÃO DO LEITE, DE FORMA QUE EVITE SUA ENTRADA NA INDÚSTRIA. A NORMA CLASSIFICA O MÉTODO COMO QUALITATIVO, INDICANDO SE HÁ OU NÃO A PRESENÇA DO CONSERVANTE NO PRODUTO. RECENTEMENTE, NAS OPERAÇÕES LEITE COMPENSADO, O FARMACÊUTICO FABIANO BARRETO, UM DOS SUPERVISORES TÉCNICOS DO LABORATÓRIO NACIONAL AGROPECUÁRIO NO RIO GRANDE DO SUL, AFIRMOU QUE UTILIZANDO ESTE MÉTODO OFICIAL EM 60 AMOSTRAS DE LEITE, DEMOROU CERCA DE 15 DIAS PARA AVALIAR A PRESENÇA OU NÃO DE FORMOL, OU SEJA, APROXIMADAMENTE 4 AMOSTRAS/DIA. ASSIM, A INDÚSTRIA DE LATICÍNIOS TEM A NECESSIDADE DE PROVAS QUE PERMITAM A DETECÇÃO DE RESÍDUOS DE FORMOL COM MAIOR AGILIDADE E BAIXO CUSTO, PERMITINDO O RASTREAMENTO DE TODO O LEITE RECEBIDO PELA INDÚSTRIA.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (3) Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / Vanerli Beloti - Coordenador / Lycio Shinji Watanabe - Integrante / Yuri Renan Bovolenta - Integrante / NATALIA GONZAGA - Integrante / RONALDO TAMANINI - Integrante / JULIANA MAREZE - Integrante., Financiador(es): LONDRILAB COMERCIO DE PRODUTOS MICROBIOLOGICOS LTDA - EPP - Cooperação., Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 1

  • 2015 - Atual

    DESENVOLVIMENTO E VALIDAÇÃO DE MÉTODOS PARA DETERMINAÇÃO DE ESOMETRAZOL EM MATÉRIA-PRIMA E FORMAS FARMACÊUTICAS, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09612 Tipo de Cadastro: 18 - PROJETOS CEPE / UEL - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TRABALHO CIENTÍFICO Classificação: Aplicada Término Previsto: 08/07/2018 Área do CNPQ: QUIMICA Desenvolvimento do Projeto Data Situação Motivo 09/07/2015 EM EXECUÇÃO Resumo do Projeto O REFLUXO GASTRESOFÁGICO (DRGE) É UMA DOENÇA CRÔNICA DE PREVALÊNCIA NA POPULAÇÃO ADULTA DO MUNDO OCIDENTAL (10-20%) PRODUZINDO IMPACTO SOCIOECONÔMICO SIGNIFICATIVO. O ESOMEPRAZOL É O MEDICAMENTO CONSIDERADO EFICAZ PARA TRATAR O DRGE, POR INIBIR A ENZIMA K+ATPASE DA BOMBA DE PRÓTONS, BLOQUEANDO A ETAPA FINAL DA SECREÇÃO ÁCIDA GÁSTRICA. EMBORA, COMERCIALIZADO COMO MEDICAMENTO REFERÊNCIA E GENÉRICO, ATÉ O MOMENTO, CONSTATA-SE AUSÊNCIA DE MONOGRAFIA DESCREVENDO MÉTODO PARA O CONTROLE DE QUALIDADE NA FARMACOPEIA BRASILEIRA. A VALIDAÇÃO DE UM MÉTODO VISA ASSEGURAR A CONFIABILIDADE DOS RESULTADOS ANALÍTICOS, SENDO OS PARÂMETROS NORMALMENTE DETERMINADOS: SELETIVIDADE; LINEARIDADE; PRECISÃO; EXATIDÃO; FAIXA LINEAR; ROBUSTEZ; LIMITE DE DETECÇÃO E LIMITE DE QUANTIFICAÇÃO. NESTE TRABALHO, SERÃO DESENVOLVIDOS E VALIDADOS MÉTODOS EMPREGANDO A CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ALTA EFICIÊNCIA (HPLC) E ESPECTROFOTOMETRIA ULTRAVIOLETA (UV), COM AUTOMAÇÃO POR ANÁLISE DE INJEÇÃO EM FLUXO (FIA), VISANDO DETERMINAR O TEOR DE ESOMETRAZOL EM MATÉRIA-PRIMA E COMPRIMIDOS. PRETENDE-SE CONTRIBUIR PARA O CONTROLE DE QUALIDADE DO MEDICAMENTO, GARANTINDO A EFICÁCIA DO TRATAMENTO E COLABORANDO COM A QUALIDADE DE VIDA DE PORTADORES DE DOENÇA DO REFLUXO GASTRESOFÁGICO.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / Mirela Fulgencio Rabito - Integrante / Marlene Maria Fregonezi Nery - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Alan Carlos Correa - Integrante / Jessica Vertuan Rufino - Integrante / Fernando Cesar Queiroz da Silva - Integrante / Felipe Braga Trombeta - Integrante / Lúcio César de Almeida - Integrante., Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 3

  • 2015 - Atual

    AVALIAÇÃO E ESTABELECIMENTO DE PADRÃO OFICIAL BRASILEIRO DA IDENTIDADE E QUALIDADE DO CAFÉ TORRADO E MOÍDO COMERCIAL, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09632 Tipo de Cadastro: 16 - PROJETOS INTEGRADOS - PES/EXT/ENS Tipo de Pesquisa: TRABALHO CIENTÍFICO Classificação: Aplicada Término Previsto: 08/07/2017 Área do CNPQ: QUIMICA Resumo do Projeto O CAFÉ É A 2ª COMMODITY MAIS COMERCIALIZADA DO MUNDO. O BRASIL POR SUA VEZ, FIGURA COMO O MAIOR PRODUTOR E EXPORTADOR MUNDIAL, E É O 2º MAIOR CONSUMIDOR. APESAR DE SUA RELEVÂNCIA, O DEPARTAMENTO DE INSPEÇÃO DE PRODUTOS DE ORIGEM VEGETAL (DIPOV), ÓRGÃO REGULADOR E FISCALIZADOR DA SECRETARIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA DO MINISTÉRIO DA AGRICULTURA (MAPA), NÃO POSSUI QUALQUERREGULAMENTO TÉCNICO QUE ESTABELEÇA UM PADRÃO OFICIAL DE IDENTIDADE E QUALIDADE PARA O CAFÉ TORRADO E MOÍDO. POR ISSO, FREQUENTEMENTE NAS 2.400 MARCAS COMERCIALIZADAS NO MERCADO INTERNO, ENCONTRAM-SE MISTURADOS MATERIAIS DE MAIS BAIXO CUSTO/QUALIDADE. DENTRE AS ADIÇÕES MAIS COMUNS ESTÃO: CAFÉ DE MENOR PREÇO - CONILON OU ROBUSTA; CAFÉS DE MENOR QUALIDADE ? ESCOLHA COM GRÃOS DEFEITUOSOS COMO: VERDE, PRETO E ARDIDO; ADULTERANTES, TAIS COMO: MILHO, TRIGO, TRIGUILHO, SOJA, TRITICALE, AÇÚCAR MASCAVO, SEMENTES DE AÇAÍ, CEVADA; E IMPUREZAS COMO: CASCAS, PAUS E TORRÕES DE TERRA. PORTANTO, ESTE PROJETO OBJETIVA MAPEAR A QUALIDADE DO CAFÉ TORRADO E MOÍDO COMERCIALIZADO NO PARANÁ EM 2015, E ESTABELECER UM PADRÃO DE IDENTIDADE E QUALIDADE PARA O BRASIL. PARA ISSO, SERÃO EFETUADAS ANÁLISES SENSORIAIS E DE CARBOIDRATOS, VISANDO VERIFICAR A ADIÇÃO DE ADULTERANTES E IMPUREZAS, BEM COMO, AVERIGUAR A POSSIBILIDADE, DE PELO TEOR DE CAFEÍNA ESTABELECER A PROPORÇÃO DE CAFÉ CONILON MISTURADO AO ARÁBICA, EMPREGANDO A CROMATOGRAFIA A LÍQUIDO DE ALTA EFICIÊNCIA (HPLC). ESPERA-SE DESTA FORMA, ENCONTRAR MARCADORES EFICAZES, E COM O USO DE ANÁLISES QUIMIOMÉTRICAS MULTIVARIADAS CONHECER A INFLUÊNCIA DAS ADIÇÕES, CONTRIBUINDO PARA O ESTABELECIMENTO DESTE PERFIL DE QUALIDADE. ESPERA-SE AINDA, POSSIBILITAR A IMPLEMENTAÇÃO DE INSTRUÇÃO NORMATIVA PARA QUE REGULAMENTE O SETOR, TORNANDO A FISCALIZAÇÃO MAIS EFETIVA POR PARTE DOS ÓRGÃOS FISCALIZADORES, MELHORANDO A QUALIDADE DOS PRODUTOS COMERCIALIZADOS, PELA COIBIÇÃO DE FRAUDES, ASSIM COMO, GARANTINDO AO CONSUMIDOR O ACESSO A INFORMAÇÕES SOBRE OS PRODUTOS POR ELE CONSUMIDOS.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (7) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Joao Pereira dos Santos - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Maria de Almeida Silva - Integrante / Giselle Lopes Silva - Integrante / Thais Tiemi Nakahara - Integrante / Caroline Teixeira Lopes - Integrante / Mayara Portieri Alves da Silva - Integrante / ELTON MASSAROLLO - Integrante / DENIS NESTOR DA SILVA - Integrante / FRANCISCO BARBOSA LIMA - Integrante / JOSE LUCAS REZENDE DE PAULA - Integrante / ANDREA ELOISA DA SILVA REIS - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa., Número de produções C, T & A: 8 / Número de orientações: 8

  • 2015 - Atual

    CELULOSE BACTERIANA: PRODUÇÃO E APLICAÇÕES BIOMÉDICAS, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 10160 Tipo de Cadastro: 17 - ÓRGÃOS EXTERNOS DE FOMENTO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TRABALHO CIENTÍFICO Classificação: Básica Término Previsto: 16/12/2018 Área do CNPQ: CIENCIA E TECNOLOGIA DE ALIMENTOS 17/12/2015 EM EXECUÇÃO Resumo do Projeto O PROJETO É PARTE INTEGRANTE DE UM MACROPROJETO INICIADO NO ANO DE 2013, PRODUÇÃO DE FERMENTADO ACÉTICO A PARTIR DO MELAÇO DE SOJA, MESTRADO DO ALUNO ORIENTADO E COORIENTADO PELAS PROFAS DO DCTA/CCA/UEL. O OBJETIVO ERA AVALIAR A UTILIZAÇÃO DO MELAÇO DE SOJA PARA A PRODUÇÃO DE FERMENTADO ACÉTICO, PELO PROCESSO SUBMERSO. FOI ESTUDADO O RENDIMENTO DA FERMENTAÇÃO ALCOÓLICA, EM CONCENTRAÇÕES INICIAS DE MELAÇO DE SOJA DE 20, 25 E 30 ºBRIX, EM CONDIÇÃO ESTÁTICA OU SOB AGITAÇÃO. A MÁXIMA PRODUÇÃO DE ETANOL FOI DE 47,56 G/L PARA A FERMENTAÇÃO SOB AGITAÇÃO. A PARTIR DO FERMENTADO ALCOÓLICO DE MELAÇO DE SOJA, FOI PRODUZIDO O FERMENTADO ACÉTICO E ACOMPANHADO OITO CICLOS FERMENTATIVOS. A ACIDEZ MÉDIA DOS FERMENTADOS FOI DE 50,70 G/L COM RENDIMENTO EM ÁCIDO ACÉTICO (YAA), RENDIMENTO EM CONCENTRAÇÃO TOTAL (YCT) E PRODUTIVIDADE MÉDIA (PAA) DE 65,02, 92,76% E 0,033G/L/H, RESPECTIVAMENTE. OBSERVOU-SE A FORMAÇÃO DE UM ESPESSO POLÍMERO (CELULOSE BACTERIANA). A 2a ETAPA DO ESTUDO VISA À PRODUÇÃO CONSORCIADA DE ÁCIDO ACÉTICO E CELULOSE, POR BACTÉRIAS ACÉTICAS, A PARTIR DE MELAÇO DE SOJA PARA EXECUÇÃO EXPERIMENTAL E OBTENÇÃO DO TÍTULO DE MESTRE DO ALUNO RODRIGO JOSÉ GOMES. A PROPOSTA CENTRA-SE EM ESTUDAR E OTIMIZAR A PRODUÇÃO CONCOMITANTE, DE ÁCIDO ACÉTICO E DA CELULOSE, POR BACTÉRIAS ACÉTICAS, AVALIANDO O MÉTODO LENTO DE PRODUÇÃO DE VINAGRE, A PARTIR DO MELAÇO DE SOJA. INVESTIGAR O EFEITO DAS VARIÁVEIS TEMPERATURA E RELAÇÃO ENZIMA/SUBSTRATO NA OTIMIZAÇÃO DA HIDRÓLISE ENZIMÁTICA DO MELAÇO PARA POSTERIOR FERMENTAÇÃO ALCOÓLICA E ACÉTICA. IDENTIFICAR E CARACTERIZAR MOLECULARMENTE AS CEPAS BACTERIANAS ISOLADAS, RESPONSÁVEIS PELA BIOCONVERSÃO E COM MAIORES POTENCIAIS DE PRODUÇÃO DO POLÍMERO, ATRAVÉS DA AMPLIFICAÇÃO DE REGIÃO DO DNA RIBOSSOMAL, SEGUIDO DE SEQUENCIAMENTO. CARACTERIZAR A COMPOSIÇÃO DE ÁCIDOS VOLÁTEIS NO FERMENTADO, POR CROMATOGRAFIA E ESPECTROMETRIA DE MASSAS E POR RESSONÂNCIA MAGNÉTICA NUCLEAR. CARACTERIZAR A CELULOSE POR ESPECTROSCOPIA DE INFRAVERMELHO, MICROSCOPIA ELETRÔNICA DE VARREDURA, MICROSCOPIA DE FORÇA ATÔMICA, DIFRATOMETRIA DE RAIO X E RESSONÂNCIA MAGNÉTICA NUCLEAR. COMPARAR ESTE ESTUDO COM OUTROS DESENVOLVIDOS QUE ENVOLVAM OS MECANISMOS DE SÍNTESE DO BIOPOLÍMERO E OS ASPECTOS RELACIONADOS COM SUA ESTRUTURA E PROPRIEDADES. ESTA PRODUÇÃO SIMULTÂNEA PODE VIABILIZAR ECONOMICAMENTE A PRODUÇÃO DE CELULOSE, UMA VEZ QUE OS RENDIMENTOS AINDA SÃO CONSIDERADOS BAIXOS E TAMBÉM AGREGAR VALOR À INDÚSTRIA PRODUTORA DE FERMENTADOS ACÉTICOS. O MESMO FAZ PARTE COMO PLANO DE AÇÃO (PA3), DO MACROPROGRAMA 2, INTITULADO CELULOSE BACTERIANA: PRODUÇÃO E APLICAÇÕES BIOMÉDICAS, DA LINHA NANOTECNOLOGIA NO AGRONEGÓCIO: NOVAS FRONTEIRAS CONTEXTUALIZADAS ÀS NECESSIDADES, DA EMBRAPA. SÃO PARTICIPANTES AS UNIDADES DA EMBRAPA, CNPAT, CTAA E CNPSO, QUATRO UNIVERSIDADES (UFC, UFF, UNICAMP, UEL) E INMETRO. O PA3 DA UEL, SERÁ O RESPONSÁVEL PELAS ATIVIDADES RELACIONADAS À PRODUÇÃO DE CB DE MELAÇO DE SOJA, UTILIZANDO ROTA ACÉTICA, POR MEIO DE ESPÉCIES DO GÊNERO GLUCONOBACTER SP. AS ATIVIDADES DO GRUPO DO DCTA SÃO OBTENÇÃO DA MATÉRIA-PRIMA JUNTO ÀS INDÚSTRIAS PRODUTORAS, REMESSA DO MATERIAL PARA OS PARTICIPANTES DO GRUPO, CARACTERIZAÇÃO QUÍMICA DA MATÉRIA PRIMA, COLETA, ISOLAMENTO E SELEÇÃO DOS MICRORGANISMOS DE UNIDADES PRODUTORAS DE VINAGRE, BEM COMO O ESTUDO DO PROCESSO FERMENTATIVO. IDENTIFICAÇÃO E CARACTERIZAÇÃO DE CEPAS ISOLADAS SERÁ EXECUTADA NO DEPARTAMENTO DE BIOLOGIA E GENÉTICA CARACTERIZAÇÕES DA CB E DOS FERMENTADOS ACÉTICOS SERÃO EXECUTADOS NOS LABORATÓRIOS DO DEPARTAMENTO DE BIOQUÍMICA. O PA3 É FINANCIADO COM RECURSOS DA EMBRAPA, NO VALOR DE R$ 90.325,00. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (4) / Doutorado: (5) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / Elza Iouko Ida - Integrante / Wilma Aparecida Spinosa - Coordenador / JOSE MARCOS GONTIJO MANDARINO - Integrante / CESAR AUGUSTO TISCHER - Integrante / DIEGO GALVAN - Integrante / FERNANDA GARCIA DE ALMEIDA - Integrante / FERNANDA SILVA FARINAZZO - Integrante / GEOVANA PIVETA RIBEIRO - Integrante / LAURIVAL ANTONIO VILAS BOAS - Integrante / MARIANA ASSIS DE QUEIROZ C.. - Integrante / RODRIGO JOSÉ GOMES - Integrante / TAMARA MACIEL MACHADO - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2014 - Atual

    TÉCNICAS EXTRATIVAS PARA ANÁLISE DE PESTICIDAS, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09923 Tipo de Cadastro: 20 - PROJETOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TESE DE DOUTORADO Classificação: Aplicada Término Previsto: 23/02/2018 Área do CNPQ: QUIMICA Resumo do Projeto COM O CRESCIMENTO CONTÍNUO DO AGRONEGÓCIO BRASILEIRO, O CONSUMO DE AGROTÓXICOS E A POLUIÇÃO, POR ESTE CAUSADA, TENDEM A SEGUIR A MESMA PROJEÇÃO DE CRESCIMENTO. SABE-SE QUE O CONTATO DIRETO OU INDIRETO COM ESTE TIPO DE PRODUTO TRAZ CONSEQUÊNCIAS Á LONGO PRAZO PARA A SAÚDE. SENDO ASSIM, UM CONTROLE AMBIENTAL RÍGIDO DEVE SER REALIZADO, OBJETIVANDO O USO DE ANÁLISES RÁPIDAS, DE FÁCIL EXECUÇÃO E COM MENOR GERAÇÃO DE RESÍDUOS. TÉCNICAS CONSAGRADAS COMO A EXTRAÇÃO LÍQUIDO-LÍQUIDO (LLE) VÊM PERDENDO ESPAÇO PARA AS QUE UTILIZAM MENOS SOLVENTES, COMO EXTRAÇÃO FASE SÓLIDA (SPE), E PARA OUTRAS QUE SEGUEM AS TENDÊNCIAS DE MINIATURIZAÇÃO E AUTOMAÇÃO ANALÍTICA. NESTE CONTEXTO DESTACA-SE A EXTRAÇÃO SORTIVA EM BARRA DE AGITAÇÃO MAGNÉTICA (SBSE) QUE UTILIZA UMA FASE POLIMÉRICA, PARA QUAL O ANALITO É TRANSFERIDO. O DESENVOLVIMENTO DE METODOLOGIAS EXTRATIVAS AINDA É UM DESAFIO, DEVIDO A GRANDE QUANTIDADE DE FATORES ANALÍTICOS CRÍTICOS E INTERFERENTES NAS MATRIZES AMOSTRAIS. O USO DE PLANEJAMENTOS EXPERIMENTAIS POR SUA VEZ, BUSCA A OTIMIZAÇÃO DESSAS METODOLOGIAS AO ESTUDAR AS INTERAÇÕES CRÍTICAS DE ANÁLISE. SENDO ASSIM, AO SE PROPOR NOVAS METODOLOGIAS ESSE ESTUDO FAVORECE A OBTENÇÃO DE MÉTODOS MAIS ROBUSTOS, SELETIVOS E COM CAPACIDADE EXTRATIVA ADEQUADA À NECESSIDADE À APLICAÇÃO NO CONTROLE AMBIENTAL COMO DE PESTICIDAS.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Caroline Teixeira Lopes - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 8 / Número de orientações: 4

  • 2014 - Atual

    PROTIUM PILOSUM (TETRAGASTRIS PILOSA) DA FAMÍLIA BUCERACEA: MARCADORES COM POTENCIAL ATIVIDADE ANTIMALÁRIA E ANTILESHMANIA, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09186 Tipo de Cadastro: 20 - PROJETOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: DISSERTAÇÃO DE MESTRADO Classificação: Aplicada Término Previsto: 16/08/2016 Resumo do Projeto OS NÍVEIS DE PESSOAS INFECTADAS POR DOENÇAS NEGLIGENCIADAS COMO MALÁRIA E LEISHMANIOSE SÃO ALARMANTES NO BRASIL. UM DOS FATORES É O CRESCIMENTO POPULACIONAL DESORDENADO, QUE ACARRETA NÃO SÓ PROBLEMAS SOCIOECONÔMICOS, MAS TAMBÉM AMBIENTAIS. ATRELADAS À ESTE, A FALTA DE SANEAMENTO BÁSICO SÃO FATORES QUE CONTRIBUEM PARA UM AMBIENTE PROPICIO AO CRESCIMENTO DOS VETORES DA DOENÇA, E DESTA FORMA, PARA O AUMENTO DO NÚMERO DE CASOS DE PESSOAS INFECTADAS. ATUALMENTE NÃO EXISTE VACINA CONTRA A MALÁRIA E A LEISHMANIOSE, E NEM TRATAMENTOS EFICAZES E ATÓXICOS. UMA ALTERNATIVA CORRIQUEIRA UTILIZADA POR COMUNIDADES NA REGIÃO AMAZÔNICA É O USO DO EXTRATO DE PLANTAS QUE COMBATEM OS SINTOMAS DA MALÁRIA E LEISHMANIOSE, UMAS DELAS É A P. PILOSUM, CONHECIDA POPULARMENTE COMO BREU BRANCO. ASSIM, BASEADO NO USO POPULAR DA P. PILOSUM, BUSCA-SE NESTE TRABALHO IDENTIFICAR EVIDÊNCIAS CIENTÍFICAS DA SUA EFICÁCIA, POR MEIO DO ESTUDO DE EXTRATOS OBTIDOS DO P. PILOSUM FRENTE AOS PROTOZOÁRIOS. A OBTENÇÃO DOS EXTRATOS SERÁ REALIZADA POR DIVERSOS MÉTODOS, TAIS COMO MACERAÇÃO, SOXHLET, ULTRA-SOM E CROMATOGRAFIA POR COLUNA DE FRACIONAMENTO. O EXTRATO QUE APRESENTAR MAIOR POTENCIAL EM TERMOS DE PRINCÍPIOS ATIVOS SERÁ AVALIADO POR CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ALTA EFICIÊNCIA. PRETENDE-SE COM ESTE TRABALHO AVANÇAR NO CONHECIMENTO DOS COMPONENTES DESTA PLANTA, VERIFICANDO A ATIVIDADE FRENTE AOS AGENTES ETIOLÓGICOS DA MALÁRIA E DA LEISHMANIOSE.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (2) Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Agerdânio Andrade De Souza - Integrante., Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 3

  • 2014 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE SISTEMA CROMATOGRÁFICO IÔNICO MINIATURIZADO COM PREPARO DE AMOSTRA AUTOMATIZADO E MÉTODO QUIMIOMÉTRICO PARA AVALIAÇÃO DA QUALIDADE DO CAFÉ POR ESPECTROSCOPIA NIR E UPLC®-MS/MS, Descrição: Cadastrado na PROPPG/UEL sob o número 09924 Tipo de Cadastro: 20 - PROJETOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TESE DE DOUTORADO Classificação: Aplicada Término Previsto: 23/02/2018 Área do CNPQ: QUIMICA Resumo do Projeto DESDE QUE FOI INTRODUZIDA NO INÍCIO DO SÉCULO XX, A CROMATOGRAFIA VEM SOFRENDO GRANDES AVANÇOS. PORÉM, A MINIATURIZAÇÃO DE SISTEMAS CROMATOGRÁFICOS, APESAR DE SER CONSIDERADA UM RAMO PROMISSOR, CONTINUA BASTANTE LENTA. ESTA AINDA NÃO ALCANÇOU AMPLA DIFUSÃO, SENDO QUE O NÚMERO DE GRUPOS DE PESQUISA QUE DESENVOLVEM TRABALHOS NESSA ÁREA É BASTANTE RESTRITO. UM DOS LIMITANTES DESSE AVANÇO ESTÁ NA DIFICULDADE DE SE DESENVOLVER EQUIPAMENTOS ADEQUADOS, TÉCNICAS DE PREPARO DE AMOSTRAS, COLUNAS APROPRIADAS E SISTEMAS DE AQUISIÇÃO DE DADOS PASSÍVEIS DE APLICAÇÃO EM SISTEMAS MINIATURIZADOS. APESAR DE MUITOS DESSES PROBLEMAS POSSUÍREM RELATIVA FACILIDADE DE RESOLUÇÃO, AINDA NÃO SE DISPÕE DE EQUIPAMENTOS COMERCIALMENTE DISPONÍVEIS QUE SUPRAM AS CONDIÇÕES IMPOSTAS POR SISTEMAS MINIATURIZADOS EM SUA TOTALIDADE. ESTA DEMANDA PRECISA SER SUPRIDA PARA QUE SE POSSA USUFRUIR DE VANTAGENS COMO: MENOR CONSUMO DE SOLVENTES, UTILIZAÇÃO DE PEQUENOS VOLUMES DE AMOSTRA E, AUMENTO DE SENSIBILIDADE, INTRÍNSECOS À MINIATURIZAÇÃO DA CROMATOGRAFIA LÍQUIDA, REPRESENTANDO REDUÇÃO NO TRATAMENTO DOS RESÍDUOS, APELO IMPOSTO PELA QUÍMICA VERDE. SEGUINDO A MESMA LINHA, MÉTODOS QUE GEREM MENORES PASSÍVEIS AMBIENTAIS PRECISAM SER DESENVOLVIDOS. DURANTE AS DUAS ÚLTIMAS DÉCADAS AS ANÁLISES ESPECTRAIS POR INFRAVERMELHO PRÓXIMO (NIR), TEM SE DESTACADO COMO FERRAMENTA ANALÍTICA CONFIÁVEL E PROMISSORA PARA A AVALIAÇÃO DE ATRIBUTOS DE QUALIDADE. ESSA TÉCNICA, CONJUGADA COM FERRAMENTAS QUIMIOMÉTRICAS, APRESENTAM POTENCIAL NA OBTENÇÃO DE FORMA RÁPIDA DA COMPOSIÇÃO QUÍMICA E PROPRIEDADES RELACIONADAS Á DIVERSAS MATRIZES ALIMENTARES. PELO FATO DO CAFÉ SER A SEGUNDA COMMODITY DE MAISALTO VALOR ECONÔMICO, COSTUMA SOFRER ADULTERAÇÃO, COM ADIÇÃO DE DIVERSOS GRÃOS OU MATERIAIS DE MAIS BAIXO CUSTO, DEPENDENDO DA DISPONIBILIDADE E/OU COTAÇÃO DESTES NO MERCADO. ENTRETANTO, HÁ CARÊNCIA DE MÉTODOS ANALÍTICOS NÃO DESTRUTÍVEIS, CAPAZES DE SUPRIR A DEMANDA DE MERCADO FORNECENDO RESULTADOS RÁPIDOS E CONFIÁVEIS, PARA A VERIFICAÇÃO DA SUA QUALIDADE. VISANDO A RESOLUÇÃO DOS PROBLEMAS EXPOSTOS, ESTE ESTUDO OBJETIVA O DESENVOLVIMENTO INSTRUMENTAL DE UM SISTEMA CROMATOGRÁFICO IÔNICO MINIATURIZADO COM MÓDULO DE EXTRAÇÃO E PREPARO DE AMOSTRAS AUTOMATIZADO, DE UM MÉTODO PARA O ESTUDO DE ADULTERAÇÕES EM CAFÉ EMPREGANDO ESPECTROSCOPIA NIR E QUIMIOMETRIA E, DE UM MÉTODO PARA DISTINÇÃO ENTRE CAFÉ ROBUSTA E ARÁBICA UTILIZANDO CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ULTRA ALTA PERFORMANCE ACOPLADA A DETECTOR DE MASSAS (UPLC®-MS/MS).. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Maria de Almeida Silva - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Companhia Cacique de Café Solúvel - Cooperação., Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 6

  • 2016 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE METODOLOGIA RÁPIDA PARA DETECÇÃO DE FORMOL NO LEITE, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Vanerli Beloti em 13/05/2016., Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 10191 Tipo de Cadastro: 18 - PROJETOS CEPE / UEL - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: INOVAÇÃO TECNOLÓGICA Classificação: Aplicada Processo: / Relatório: Término Previsto: 27/04/2017 Área do CNPQ: MEDICINA VETERINARIA Resumo do Projeto A QUALIDADE DO LEITE CONSUMIDO É UMA CONSTANTE PREOCUPAÇÃO DOS TÉCNICOS E AUTORIDADES LIGADOS À ÁREA DE SAÚDE E LATICÍNIOS BEM COMO DOS CONSUMIDORES. UM DOS PROBLEMAS MAIS GRAVES SÃO AS DIVERSAS FRAUDES QUE CAUSAM PREJUÍZOS ECONÔMICOS, RISCOS À SAÚDE DOS CONSUMIDORES E PROBLEMAS TECNOLÓGICOS PARA AS INDÚSTRIAS. O LEITE É UM DOS ALIMENTOS QUE MAIS COMUMENTE SOFRE ADULTERAÇÕES E O CONSIDERA-SE FRAUDADO QUANDO OCORRE O DESNATE ANTES DE SEU PROCESSAMENTO OU QUANDO SÃO ADICIONADAS SUBSTÂNCIAS PROIBIDAS PELA LEGISLAÇÃO OU DE QUAISQUER ELEMENTOS ESTRANHOS A SUA COMPOSIÇÃO. AS FRAUDES NO LEITE TÊM COMO OBJETIVOS PRINCIPAIS AUMENTAR O VOLUME E CONTROLAR AS ALTERAÇÕES PROVOCADAS PELOS MICRORGANISMOS. A ADIÇÃO DE CONSERVANTES É UMA FRAUDE RELACIONADA À CONTAMINAÇÃO DO LEITE. SÃO UTILIZADAS DIVERSAS SUBSTÂNCIAS PARA ESTE FIM, E DENTRE ELAS, O FORMALDEÍDO, TENDO COMO OBJETIVO PRINCIPAL A REDUÇÃO OU ELIMINAÇÃO DE MICRORGANISMOS PRESENTES NO LEITE, PREVENINDO AS ALTERAÇÕES DECORRENTES DE SUA MULTIPLICAÇÃO. O FORMOL É CONSIDERADO ALTAMENTE TÓXICO AO SER INGERIDO, INALADO OU EM CONTATO COM A PELE, POR VIA INTRAVENOSA, INTRAPERITONEAL OU SUBCUTÂNEA, POIS PROMOVE MUTAÇÃO EM CÉLULAS SADIAS TRANSFORMANDO-AS EM CÉLULAS CARCINOGÊNICAS. POR ESTE MOTIVO, ESTA SUBSTÂNCIA FOI PROIBIDA DE SER USADA EM VÁRIOS SETORES, COMO O DE BELEZA, COSMÉTICO E ALIMENTÍCIO. E, NOS SETORES EM QUE É AINDA UTILIZADA, EXISTE UM LIMITE LEGAL DE EXPOSIÇÃO DO FORMOL AO HOMEM, O QUAL SE NÃO OBEDECIDO PODE LEVAR A EFEITOS PREJUDICIAIS À SAÚDE, ALÉM DE MULTAS ÀS EMPRESAS. ATUALMENTE, A ANÁLISE DE FORMOL EM LEITE ENCONTRA-SE ESPECIFICADA NA INSTRUÇÃO NORMATIVA N° 68/2006, NO TÓPICO MÉTODOS ANALÍTICOS FÍSICO-QUÍMICOS OFICIAIS PARA LEITE E PRODUTOS LÁCTEOS. A PROVA EXIGE A DESTILAÇÃO DO LEITE, É DEMORADA E LABORIOSA, O QUE DIFICULTA SUA EXECUÇÃO NA RECEPÇÃO DO LEITE, DE FORMA QUE EVITE SUA ENTRADA NA INDÚSTRIA. A NORMA CLASSIFICA O MÉTODO COMO QUALITATIVO, INDICANDO SE HÁ OU NÃO A PRESENÇA DO CONSERVANTE NO PRODUTO. RECENTEMENTE, NAS OPERAÇÕES LEITE COMPENSADO, O FARMACÊUTICO FABIANO BARRETO, UM DOS SUPERVISORES TÉCNICOS DO LABORATÓRIO NACIONAL AGROPECUÁRIO NO RIO GRANDE DO SUL, AFIRMOU QUE UTILIZANDO ESTE MÉTODO OFICIAL EM 60 AMOSTRAS DE LEITE, DEMOROU CERCA DE 15 DIAS PARA AVALIAR A PRESENÇA OU NÃO DE FORMOL, OU SEJA, APROXIMADAMENTE 4 AMOSTRAS/DIA. ASSIM, A INDÚSTRIA DE LATICÍNIOS TEM A NECESSIDADE DE PROVAS QUE PERMITAM A DETECÇÃO DE RESÍDUOS DE FORMOL COM MAIOR AGILIDADE E BAIXO CUSTO, PERMITINDO O RASTREAMENTO DE TODO O LEITE RECEBIDO PELA INDÚSTRIA.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (3) Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / Vanerli Beloti - Coordenador / Lycio Shinji Watanabe - Integrante / Yuri Renan Bovolenta - Integrante / NATALIA GONZAGA - Integrante / RONALDO TAMANINI - Integrante / JULIANA MAREZE - Integrante., Financiador(es): LONDRILAB COMERCIO DE PRODUTOS MICROBIOLOGICOS LTDA - EPP - Cooperação., Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 1

  • 2015 - Atual

    DESENVOLVIMENTO E VALIDAÇÃO DE MÉTODOS PARA DETERMINAÇÃO DE ESOMETRAZOL EM MATÉRIA-PRIMA E FORMAS FARMACÊUTICAS, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09612 Tipo de Cadastro: 18 - PROJETOS CEPE / UEL - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TRABALHO CIENTÍFICO Classificação: Aplicada Término Previsto: 08/07/2018 Área do CNPQ: QUIMICA Desenvolvimento do Projeto Data Situação Motivo 09/07/2015 EM EXECUÇÃO Resumo do Projeto O REFLUXO GASTRESOFÁGICO (DRGE) É UMA DOENÇA CRÔNICA DE PREVALÊNCIA NA POPULAÇÃO ADULTA DO MUNDO OCIDENTAL (10-20%) PRODUZINDO IMPACTO SOCIOECONÔMICO SIGNIFICATIVO. O ESOMEPRAZOL É O MEDICAMENTO CONSIDERADO EFICAZ PARA TRATAR O DRGE, POR INIBIR A ENZIMA K+ATPASE DA BOMBA DE PRÓTONS, BLOQUEANDO A ETAPA FINAL DA SECREÇÃO ÁCIDA GÁSTRICA. EMBORA, COMERCIALIZADO COMO MEDICAMENTO REFERÊNCIA E GENÉRICO, ATÉ O MOMENTO, CONSTATA-SE AUSÊNCIA DE MONOGRAFIA DESCREVENDO MÉTODO PARA O CONTROLE DE QUALIDADE NA FARMACOPEIA BRASILEIRA. A VALIDAÇÃO DE UM MÉTODO VISA ASSEGURAR A CONFIABILIDADE DOS RESULTADOS ANALÍTICOS, SENDO OS PARÂMETROS NORMALMENTE DETERMINADOS: SELETIVIDADE; LINEARIDADE; PRECISÃO; EXATIDÃO; FAIXA LINEAR; ROBUSTEZ; LIMITE DE DETECÇÃO E LIMITE DE QUANTIFICAÇÃO. NESTE TRABALHO, SERÃO DESENVOLVIDOS E VALIDADOS MÉTODOS EMPREGANDO A CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ALTA EFICIÊNCIA (HPLC) E ESPECTROFOTOMETRIA ULTRAVIOLETA (UV), COM AUTOMAÇÃO POR ANÁLISE DE INJEÇÃO EM FLUXO (FIA), VISANDO DETERMINAR O TEOR DE ESOMETRAZOL EM MATÉRIA-PRIMA E COMPRIMIDOS. PRETENDE-SE CONTRIBUIR PARA O CONTROLE DE QUALIDADE DO MEDICAMENTO, GARANTINDO A EFICÁCIA DO TRATAMENTO E COLABORANDO COM A QUALIDADE DE VIDA DE PORTADORES DE DOENÇA DO REFLUXO GASTRESOFÁGICO.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / Mirela Fulgencio Rabito - Integrante / Marlene Maria Fregonezi Nery - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Alan Carlos Correa - Integrante / Jessica Vertuan Rufino - Integrante / Fernando Cesar Queiroz da Silva - Integrante / Felipe Braga Trombeta - Integrante / Lúcio César de Almeida - Integrante., Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 3

  • 2015 - Atual

    AVALIAÇÃO E ESTABELECIMENTO DE PADRÃO OFICIAL BRASILEIRO DA IDENTIDADE E QUALIDADE DO CAFÉ TORRADO E MOÍDO COMERCIAL, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09632 Tipo de Cadastro: 16 - PROJETOS INTEGRADOS - PES/EXT/ENS Tipo de Pesquisa: TRABALHO CIENTÍFICO Classificação: Aplicada Término Previsto: 08/07/2017 Área do CNPQ: QUIMICA Resumo do Projeto O CAFÉ É A 2ª COMMODITY MAIS COMERCIALIZADA DO MUNDO. O BRASIL POR SUA VEZ, FIGURA COMO O MAIOR PRODUTOR E EXPORTADOR MUNDIAL, E É O 2º MAIOR CONSUMIDOR. APESAR DE SUA RELEVÂNCIA, O DEPARTAMENTO DE INSPEÇÃO DE PRODUTOS DE ORIGEM VEGETAL (DIPOV), ÓRGÃO REGULADOR E FISCALIZADOR DA SECRETARIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA DO MINISTÉRIO DA AGRICULTURA (MAPA), NÃO POSSUI QUALQUERREGULAMENTO TÉCNICO QUE ESTABELEÇA UM PADRÃO OFICIAL DE IDENTIDADE E QUALIDADE PARA O CAFÉ TORRADO E MOÍDO. POR ISSO, FREQUENTEMENTE NAS 2.400 MARCAS COMERCIALIZADAS NO MERCADO INTERNO, ENCONTRAM-SE MISTURADOS MATERIAIS DE MAIS BAIXO CUSTO/QUALIDADE. DENTRE AS ADIÇÕES MAIS COMUNS ESTÃO: CAFÉ DE MENOR PREÇO - CONILON OU ROBUSTA; CAFÉS DE MENOR QUALIDADE ? ESCOLHA COM GRÃOS DEFEITUOSOS COMO: VERDE, PRETO E ARDIDO; ADULTERANTES, TAIS COMO: MILHO, TRIGO, TRIGUILHO, SOJA, TRITICALE, AÇÚCAR MASCAVO, SEMENTES DE AÇAÍ, CEVADA; E IMPUREZAS COMO: CASCAS, PAUS E TORRÕES DE TERRA. PORTANTO, ESTE PROJETO OBJETIVA MAPEAR A QUALIDADE DO CAFÉ TORRADO E MOÍDO COMERCIALIZADO NO PARANÁ EM 2015, E ESTABELECER UM PADRÃO DE IDENTIDADE E QUALIDADE PARA O BRASIL. PARA ISSO, SERÃO EFETUADAS ANÁLISES SENSORIAIS E DE CARBOIDRATOS, VISANDO VERIFICAR A ADIÇÃO DE ADULTERANTES E IMPUREZAS, BEM COMO, AVERIGUAR A POSSIBILIDADE, DE PELO TEOR DE CAFEÍNA ESTABELECER A PROPORÇÃO DE CAFÉ CONILON MISTURADO AO ARÁBICA, EMPREGANDO A CROMATOGRAFIA A LÍQUIDO DE ALTA EFICIÊNCIA (HPLC). ESPERA-SE DESTA FORMA, ENCONTRAR MARCADORES EFICAZES, E COM O USO DE ANÁLISES QUIMIOMÉTRICAS MULTIVARIADAS CONHECER A INFLUÊNCIA DAS ADIÇÕES, CONTRIBUINDO PARA O ESTABELECIMENTO DESTE PERFIL DE QUALIDADE. ESPERA-SE AINDA, POSSIBILITAR A IMPLEMENTAÇÃO DE INSTRUÇÃO NORMATIVA PARA QUE REGULAMENTE O SETOR, TORNANDO A FISCALIZAÇÃO MAIS EFETIVA POR PARTE DOS ÓRGÃOS FISCALIZADORES, MELHORANDO A QUALIDADE DOS PRODUTOS COMERCIALIZADOS, PELA COIBIÇÃO DE FRAUDES, ASSIM COMO, GARANTINDO AO CONSUMIDOR O ACESSO A INFORMAÇÕES SOBRE OS PRODUTOS POR ELE CONSUMIDOS.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (7) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Joao Pereira dos Santos - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Maria de Almeida Silva - Integrante / Giselle Lopes Silva - Integrante / Thais Tiemi Nakahara - Integrante / Caroline Teixeira Lopes - Integrante / Mayara Portieri Alves da Silva - Integrante / ELTON MASSAROLLO - Integrante / DENIS NESTOR DA SILVA - Integrante / FRANCISCO BARBOSA LIMA - Integrante / JOSE LUCAS REZENDE DE PAULA - Integrante / ANDREA ELOISA DA SILVA REIS - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa., Número de produções C, T & A: 8 / Número de orientações: 8

  • 2015 - Atual

    CELULOSE BACTERIANA: PRODUÇÃO E APLICAÇÕES BIOMÉDICAS, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 10160 Tipo de Cadastro: 17 - ÓRGÃOS EXTERNOS DE FOMENTO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TRABALHO CIENTÍFICO Classificação: Básica Término Previsto: 16/12/2018 Área do CNPQ: CIENCIA E TECNOLOGIA DE ALIMENTOS 17/12/2015 EM EXECUÇÃO Resumo do Projeto O PROJETO É PARTE INTEGRANTE DE UM MACROPROJETO INICIADO NO ANO DE 2013, PRODUÇÃO DE FERMENTADO ACÉTICO A PARTIR DO MELAÇO DE SOJA, MESTRADO DO ALUNO ORIENTADO E COORIENTADO PELAS PROFAS DO DCTA/CCA/UEL. O OBJETIVO ERA AVALIAR A UTILIZAÇÃO DO MELAÇO DE SOJA PARA A PRODUÇÃO DE FERMENTADO ACÉTICO, PELO PROCESSO SUBMERSO. FOI ESTUDADO O RENDIMENTO DA FERMENTAÇÃO ALCOÓLICA, EM CONCENTRAÇÕES INICIAS DE MELAÇO DE SOJA DE 20, 25 E 30 ºBRIX, EM CONDIÇÃO ESTÁTICA OU SOB AGITAÇÃO. A MÁXIMA PRODUÇÃO DE ETANOL FOI DE 47,56 G/L PARA A FERMENTAÇÃO SOB AGITAÇÃO. A PARTIR DO FERMENTADO ALCOÓLICO DE MELAÇO DE SOJA, FOI PRODUZIDO O FERMENTADO ACÉTICO E ACOMPANHADO OITO CICLOS FERMENTATIVOS. A ACIDEZ MÉDIA DOS FERMENTADOS FOI DE 50,70 G/L COM RENDIMENTO EM ÁCIDO ACÉTICO (YAA), RENDIMENTO EM CONCENTRAÇÃO TOTAL (YCT) E PRODUTIVIDADE MÉDIA (PAA) DE 65,02, 92,76% E 0,033G/L/H, RESPECTIVAMENTE. OBSERVOU-SE A FORMAÇÃO DE UM ESPESSO POLÍMERO (CELULOSE BACTERIANA). A 2a ETAPA DO ESTUDO VISA À PRODUÇÃO CONSORCIADA DE ÁCIDO ACÉTICO E CELULOSE, POR BACTÉRIAS ACÉTICAS, A PARTIR DE MELAÇO DE SOJA PARA EXECUÇÃO EXPERIMENTAL E OBTENÇÃO DO TÍTULO DE MESTRE DO ALUNO RODRIGO JOSÉ GOMES. A PROPOSTA CENTRA-SE EM ESTUDAR E OTIMIZAR A PRODUÇÃO CONCOMITANTE, DE ÁCIDO ACÉTICO E DA CELULOSE, POR BACTÉRIAS ACÉTICAS, AVALIANDO O MÉTODO LENTO DE PRODUÇÃO DE VINAGRE, A PARTIR DO MELAÇO DE SOJA. INVESTIGAR O EFEITO DAS VARIÁVEIS TEMPERATURA E RELAÇÃO ENZIMA/SUBSTRATO NA OTIMIZAÇÃO DA HIDRÓLISE ENZIMÁTICA DO MELAÇO PARA POSTERIOR FERMENTAÇÃO ALCOÓLICA E ACÉTICA. IDENTIFICAR E CARACTERIZAR MOLECULARMENTE AS CEPAS BACTERIANAS ISOLADAS, RESPONSÁVEIS PELA BIOCONVERSÃO E COM MAIORES POTENCIAIS DE PRODUÇÃO DO POLÍMERO, ATRAVÉS DA AMPLIFICAÇÃO DE REGIÃO DO DNA RIBOSSOMAL, SEGUIDO DE SEQUENCIAMENTO. CARACTERIZAR A COMPOSIÇÃO DE ÁCIDOS VOLÁTEIS NO FERMENTADO, POR CROMATOGRAFIA E ESPECTROMETRIA DE MASSAS E POR RESSONÂNCIA MAGNÉTICA NUCLEAR. CARACTERIZAR A CELULOSE POR ESPECTROSCOPIA DE INFRAVERMELHO, MICROSCOPIA ELETRÔNICA DE VARREDURA, MICROSCOPIA DE FORÇA ATÔMICA, DIFRATOMETRIA DE RAIO X E RESSONÂNCIA MAGNÉTICA NUCLEAR. COMPARAR ESTE ESTUDO COM OUTROS DESENVOLVIDOS QUE ENVOLVAM OS MECANISMOS DE SÍNTESE DO BIOPOLÍMERO E OS ASPECTOS RELACIONADOS COM SUA ESTRUTURA E PROPRIEDADES. ESTA PRODUÇÃO SIMULTÂNEA PODE VIABILIZAR ECONOMICAMENTE A PRODUÇÃO DE CELULOSE, UMA VEZ QUE OS RENDIMENTOS AINDA SÃO CONSIDERADOS BAIXOS E TAMBÉM AGREGAR VALOR À INDÚSTRIA PRODUTORA DE FERMENTADOS ACÉTICOS. O MESMO FAZ PARTE COMO PLANO DE AÇÃO (PA3), DO MACROPROGRAMA 2, INTITULADO CELULOSE BACTERIANA: PRODUÇÃO E APLICAÇÕES BIOMÉDICAS, DA LINHA NANOTECNOLOGIA NO AGRONEGÓCIO: NOVAS FRONTEIRAS CONTEXTUALIZADAS ÀS NECESSIDADES, DA EMBRAPA. SÃO PARTICIPANTES AS UNIDADES DA EMBRAPA, CNPAT, CTAA E CNPSO, QUATRO UNIVERSIDADES (UFC, UFF, UNICAMP, UEL) E INMETRO. O PA3 DA UEL, SERÁ O RESPONSÁVEL PELAS ATIVIDADES RELACIONADAS À PRODUÇÃO DE CB DE MELAÇO DE SOJA, UTILIZANDO ROTA ACÉTICA, POR MEIO DE ESPÉCIES DO GÊNERO GLUCONOBACTER SP. AS ATIVIDADES DO GRUPO DO DCTA SÃO OBTENÇÃO DA MATÉRIA-PRIMA JUNTO ÀS INDÚSTRIAS PRODUTORAS, REMESSA DO MATERIAL PARA OS PARTICIPANTES DO GRUPO, CARACTERIZAÇÃO QUÍMICA DA MATÉRIA PRIMA, COLETA, ISOLAMENTO E SELEÇÃO DOS MICRORGANISMOS DE UNIDADES PRODUTORAS DE VINAGRE, BEM COMO O ESTUDO DO PROCESSO FERMENTATIVO. IDENTIFICAÇÃO E CARACTERIZAÇÃO DE CEPAS ISOLADAS SERÁ EXECUTADA NO DEPARTAMENTO DE BIOLOGIA E GENÉTICA CARACTERIZAÇÕES DA CB E DOS FERMENTADOS ACÉTICOS SERÃO EXECUTADOS NOS LABORATÓRIOS DO DEPARTAMENTO DE BIOQUÍMICA. O PA3 É FINANCIADO COM RECURSOS DA EMBRAPA, NO VALOR DE R$ 90.325,00. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (4) / Doutorado: (5) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / Elza Iouko Ida - Integrante / Wilma Aparecida Spinosa - Coordenador / JOSE MARCOS GONTIJO MANDARINO - Integrante / CESAR AUGUSTO TISCHER - Integrante / DIEGO GALVAN - Integrante / FERNANDA GARCIA DE ALMEIDA - Integrante / FERNANDA SILVA FARINAZZO - Integrante / GEOVANA PIVETA RIBEIRO - Integrante / LAURIVAL ANTONIO VILAS BOAS - Integrante / MARIANA ASSIS DE QUEIROZ C.. - Integrante / RODRIGO JOSÉ GOMES - Integrante / TAMARA MACIEL MACHADO - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2014 - Atual

    TÉCNICAS EXTRATIVAS PARA ANÁLISE DE PESTICIDAS, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09923 Tipo de Cadastro: 20 - PROJETOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TESE DE DOUTORADO Classificação: Aplicada Término Previsto: 23/02/2018 Área do CNPQ: QUIMICA Resumo do Projeto COM O CRESCIMENTO CONTÍNUO DO AGRONEGÓCIO BRASILEIRO, O CONSUMO DE AGROTÓXICOS E A POLUIÇÃO, POR ESTE CAUSADA, TENDEM A SEGUIR A MESMA PROJEÇÃO DE CRESCIMENTO. SABE-SE QUE O CONTATO DIRETO OU INDIRETO COM ESTE TIPO DE PRODUTO TRAZ CONSEQUÊNCIAS Á LONGO PRAZO PARA A SAÚDE. SENDO ASSIM, UM CONTROLE AMBIENTAL RÍGIDO DEVE SER REALIZADO, OBJETIVANDO O USO DE ANÁLISES RÁPIDAS, DE FÁCIL EXECUÇÃO E COM MENOR GERAÇÃO DE RESÍDUOS. TÉCNICAS CONSAGRADAS COMO A EXTRAÇÃO LÍQUIDO-LÍQUIDO (LLE) VÊM PERDENDO ESPAÇO PARA AS QUE UTILIZAM MENOS SOLVENTES, COMO EXTRAÇÃO FASE SÓLIDA (SPE), E PARA OUTRAS QUE SEGUEM AS TENDÊNCIAS DE MINIATURIZAÇÃO E AUTOMAÇÃO ANALÍTICA. NESTE CONTEXTO DESTACA-SE A EXTRAÇÃO SORTIVA EM BARRA DE AGITAÇÃO MAGNÉTICA (SBSE) QUE UTILIZA UMA FASE POLIMÉRICA, PARA QUAL O ANALITO É TRANSFERIDO. O DESENVOLVIMENTO DE METODOLOGIAS EXTRATIVAS AINDA É UM DESAFIO, DEVIDO A GRANDE QUANTIDADE DE FATORES ANALÍTICOS CRÍTICOS E INTERFERENTES NAS MATRIZES AMOSTRAIS. O USO DE PLANEJAMENTOS EXPERIMENTAIS POR SUA VEZ, BUSCA A OTIMIZAÇÃO DESSAS METODOLOGIAS AO ESTUDAR AS INTERAÇÕES CRÍTICAS DE ANÁLISE. SENDO ASSIM, AO SE PROPOR NOVAS METODOLOGIAS ESSE ESTUDO FAVORECE A OBTENÇÃO DE MÉTODOS MAIS ROBUSTOS, SELETIVOS E COM CAPACIDADE EXTRATIVA ADEQUADA À NECESSIDADE À APLICAÇÃO NO CONTROLE AMBIENTAL COMO DE PESTICIDAS.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Caroline Teixeira Lopes - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 8 / Número de orientações: 4

  • 2014 - Atual

    PROTIUM PILOSUM (TETRAGASTRIS PILOSA) DA FAMÍLIA BUCERACEA: MARCADORES COM POTENCIAL ATIVIDADE ANTIMALÁRIA E ANTILESHMANIA, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09186 Tipo de Cadastro: 20 - PROJETOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: DISSERTAÇÃO DE MESTRADO Classificação: Aplicada Término Previsto: 16/08/2016 Resumo do Projeto OS NÍVEIS DE PESSOAS INFECTADAS POR DOENÇAS NEGLIGENCIADAS COMO MALÁRIA E LEISHMANIOSE SÃO ALARMANTES NO BRASIL. UM DOS FATORES É O CRESCIMENTO POPULACIONAL DESORDENADO, QUE ACARRETA NÃO SÓ PROBLEMAS SOCIOECONÔMICOS, MAS TAMBÉM AMBIENTAIS. ATRELADAS À ESTE, A FALTA DE SANEAMENTO BÁSICO SÃO FATORES QUE CONTRIBUEM PARA UM AMBIENTE PROPICIO AO CRESCIMENTO DOS VETORES DA DOENÇA, E DESTA FORMA, PARA O AUMENTO DO NÚMERO DE CASOS DE PESSOAS INFECTADAS. ATUALMENTE NÃO EXISTE VACINA CONTRA A MALÁRIA E A LEISHMANIOSE, E NEM TRATAMENTOS EFICAZES E ATÓXICOS. UMA ALTERNATIVA CORRIQUEIRA UTILIZADA POR COMUNIDADES NA REGIÃO AMAZÔNICA É O USO DO EXTRATO DE PLANTAS QUE COMBATEM OS SINTOMAS DA MALÁRIA E LEISHMANIOSE, UMAS DELAS É A P. PILOSUM, CONHECIDA POPULARMENTE COMO BREU BRANCO. ASSIM, BASEADO NO USO POPULAR DA P. PILOSUM, BUSCA-SE NESTE TRABALHO IDENTIFICAR EVIDÊNCIAS CIENTÍFICAS DA SUA EFICÁCIA, POR MEIO DO ESTUDO DE EXTRATOS OBTIDOS DO P. PILOSUM FRENTE AOS PROTOZOÁRIOS. A OBTENÇÃO DOS EXTRATOS SERÁ REALIZADA POR DIVERSOS MÉTODOS, TAIS COMO MACERAÇÃO, SOXHLET, ULTRA-SOM E CROMATOGRAFIA POR COLUNA DE FRACIONAMENTO. O EXTRATO QUE APRESENTAR MAIOR POTENCIAL EM TERMOS DE PRINCÍPIOS ATIVOS SERÁ AVALIADO POR CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ALTA EFICIÊNCIA. PRETENDE-SE COM ESTE TRABALHO AVANÇAR NO CONHECIMENTO DOS COMPONENTES DESTA PLANTA, VERIFICANDO A ATIVIDADE FRENTE AOS AGENTES ETIOLÓGICOS DA MALÁRIA E DA LEISHMANIOSE.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (2) Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Agerdânio Andrade De Souza - Integrante., Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 3

  • 2014 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE SISTEMA CROMATOGRÁFICO IÔNICO MINIATURIZADO COM PREPARO DE AMOSTRA AUTOMATIZADO E MÉTODO QUIMIOMÉTRICO PARA AVALIAÇÃO DA QUALIDADE DO CAFÉ POR ESPECTROSCOPIA NIR E UPLC®-MS/MS, Descrição: Cadastrado na PROPPG/UEL sob o número 09924 Tipo de Cadastro: 20 - PROJETOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TESE DE DOUTORADO Classificação: Aplicada Término Previsto: 23/02/2018 Área do CNPQ: QUIMICA Resumo do Projeto DESDE QUE FOI INTRODUZIDA NO INÍCIO DO SÉCULO XX, A CROMATOGRAFIA VEM SOFRENDO GRANDES AVANÇOS. PORÉM, A MINIATURIZAÇÃO DE SISTEMAS CROMATOGRÁFICOS, APESAR DE SER CONSIDERADA UM RAMO PROMISSOR, CONTINUA BASTANTE LENTA. ESTA AINDA NÃO ALCANÇOU AMPLA DIFUSÃO, SENDO QUE O NÚMERO DE GRUPOS DE PESQUISA QUE DESENVOLVEM TRABALHOS NESSA ÁREA É BASTANTE RESTRITO. UM DOS LIMITANTES DESSE AVANÇO ESTÁ NA DIFICULDADE DE SE DESENVOLVER EQUIPAMENTOS ADEQUADOS, TÉCNICAS DE PREPARO DE AMOSTRAS, COLUNAS APROPRIADAS E SISTEMAS DE AQUISIÇÃO DE DADOS PASSÍVEIS DE APLICAÇÃO EM SISTEMAS MINIATURIZADOS. APESAR DE MUITOS DESSES PROBLEMAS POSSUÍREM RELATIVA FACILIDADE DE RESOLUÇÃO, AINDA NÃO SE DISPÕE DE EQUIPAMENTOS COMERCIALMENTE DISPONÍVEIS QUE SUPRAM AS CONDIÇÕES IMPOSTAS POR SISTEMAS MINIATURIZADOS EM SUA TOTALIDADE. ESTA DEMANDA PRECISA SER SUPRIDA PARA QUE SE POSSA USUFRUIR DE VANTAGENS COMO: MENOR CONSUMO DE SOLVENTES, UTILIZAÇÃO DE PEQUENOS VOLUMES DE AMOSTRA E, AUMENTO DE SENSIBILIDADE, INTRÍNSECOS À MINIATURIZAÇÃO DA CROMATOGRAFIA LÍQUIDA, REPRESENTANDO REDUÇÃO NO TRATAMENTO DOS RESÍDUOS, APELO IMPOSTO PELA QUÍMICA VERDE. SEGUINDO A MESMA LINHA, MÉTODOS QUE GEREM MENORES PASSÍVEIS AMBIENTAIS PRECISAM SER DESENVOLVIDOS. DURANTE AS DUAS ÚLTIMAS DÉCADAS AS ANÁLISES ESPECTRAIS POR INFRAVERMELHO PRÓXIMO (NIR), TEM SE DESTACADO COMO FERRAMENTA ANALÍTICA CONFIÁVEL E PROMISSORA PARA A AVALIAÇÃO DE ATRIBUTOS DE QUALIDADE. ESSA TÉCNICA, CONJUGADA COM FERRAMENTAS QUIMIOMÉTRICAS, APRESENTAM POTENCIAL NA OBTENÇÃO DE FORMA RÁPIDA DA COMPOSIÇÃO QUÍMICA E PROPRIEDADES RELACIONADAS Á DIVERSAS MATRIZES ALIMENTARES. PELO FATO DO CAFÉ SER A SEGUNDA COMMODITY DE MAISALTO VALOR ECONÔMICO, COSTUMA SOFRER ADULTERAÇÃO, COM ADIÇÃO DE DIVERSOS GRÃOS OU MATERIAIS DE MAIS BAIXO CUSTO, DEPENDENDO DA DISPONIBILIDADE E/OU COTAÇÃO DESTES NO MERCADO. ENTRETANTO, HÁ CARÊNCIA DE MÉTODOS ANALÍTICOS NÃO DESTRUTÍVEIS, CAPAZES DE SUPRIR A DEMANDA DE MERCADO FORNECENDO RESULTADOS RÁPIDOS E CONFIÁVEIS, PARA A VERIFICAÇÃO DA SUA QUALIDADE. VISANDO A RESOLUÇÃO DOS PROBLEMAS EXPOSTOS, ESTE ESTUDO OBJETIVA O DESENVOLVIMENTO INSTRUMENTAL DE UM SISTEMA CROMATOGRÁFICO IÔNICO MINIATURIZADO COM MÓDULO DE EXTRAÇÃO E PREPARO DE AMOSTRAS AUTOMATIZADO, DE UM MÉTODO PARA O ESTUDO DE ADULTERAÇÕES EM CAFÉ EMPREGANDO ESPECTROSCOPIA NIR E QUIMIOMETRIA E, DE UM MÉTODO PARA DISTINÇÃO ENTRE CAFÉ ROBUSTA E ARÁBICA UTILIZANDO CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ULTRA ALTA PERFORMANCE ACOPLADA A DETECTOR DE MASSAS (UPLC®-MS/MS).. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Maria de Almeida Silva - Integrante., Financiador(es): Companhia Cacique de Café Solúvel - Cooperação / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa., Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 6

  • 2016 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE METODOLOGIA RÁPIDA PARA DETECÇÃO DE FORMOL NO LEITE, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Vanerli Beloti em 13/05/2016., Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 10191 Tipo de Cadastro: 18 - PROJETOS CEPE / UEL - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: INOVAÇÃO TECNOLÓGICA Classificação: Aplicada Processo: / Relatório: Término Previsto: 27/04/2017 Área do CNPQ: MEDICINA VETERINARIA Resumo do Projeto A QUALIDADE DO LEITE CONSUMIDO É UMA CONSTANTE PREOCUPAÇÃO DOS TÉCNICOS E AUTORIDADES LIGADOS À ÁREA DE SAÚDE E LATICÍNIOS BEM COMO DOS CONSUMIDORES. UM DOS PROBLEMAS MAIS GRAVES SÃO AS DIVERSAS FRAUDES QUE CAUSAM PREJUÍZOS ECONÔMICOS, RISCOS À SAÚDE DOS CONSUMIDORES E PROBLEMAS TECNOLÓGICOS PARA AS INDÚSTRIAS. O LEITE É UM DOS ALIMENTOS QUE MAIS COMUMENTE SOFRE ADULTERAÇÕES E O CONSIDERA-SE FRAUDADO QUANDO OCORRE O DESNATE ANTES DE SEU PROCESSAMENTO OU QUANDO SÃO ADICIONADAS SUBSTÂNCIAS PROIBIDAS PELA LEGISLAÇÃO OU DE QUAISQUER ELEMENTOS ESTRANHOS A SUA COMPOSIÇÃO. AS FRAUDES NO LEITE TÊM COMO OBJETIVOS PRINCIPAIS AUMENTAR O VOLUME E CONTROLAR AS ALTERAÇÕES PROVOCADAS PELOS MICRORGANISMOS. A ADIÇÃO DE CONSERVANTES É UMA FRAUDE RELACIONADA À CONTAMINAÇÃO DO LEITE. SÃO UTILIZADAS DIVERSAS SUBSTÂNCIAS PARA ESTE FIM, E DENTRE ELAS, O FORMALDEÍDO, TENDO COMO OBJETIVO PRINCIPAL A REDUÇÃO OU ELIMINAÇÃO DE MICRORGANISMOS PRESENTES NO LEITE, PREVENINDO AS ALTERAÇÕES DECORRENTES DE SUA MULTIPLICAÇÃO. O FORMOL É CONSIDERADO ALTAMENTE TÓXICO AO SER INGERIDO, INALADO OU EM CONTATO COM A PELE, POR VIA INTRAVENOSA, INTRAPERITONEAL OU SUBCUTÂNEA, POIS PROMOVE MUTAÇÃO EM CÉLULAS SADIAS TRANSFORMANDO-AS EM CÉLULAS CARCINOGÊNICAS. POR ESTE MOTIVO, ESTA SUBSTÂNCIA FOI PROIBIDA DE SER USADA EM VÁRIOS SETORES, COMO O DE BELEZA, COSMÉTICO E ALIMENTÍCIO. E, NOS SETORES EM QUE É AINDA UTILIZADA, EXISTE UM LIMITE LEGAL DE EXPOSIÇÃO DO FORMOL AO HOMEM, O QUAL SE NÃO OBEDECIDO PODE LEVAR A EFEITOS PREJUDICIAIS À SAÚDE, ALÉM DE MULTAS ÀS EMPRESAS. ATUALMENTE, A ANÁLISE DE FORMOL EM LEITE ENCONTRA-SE ESPECIFICADA NA INSTRUÇÃO NORMATIVA N° 68/2006, NO TÓPICO MÉTODOS ANALÍTICOS FÍSICO-QUÍMICOS OFICIAIS PARA LEITE E PRODUTOS LÁCTEOS. A PROVA EXIGE A DESTILAÇÃO DO LEITE, É DEMORADA E LABORIOSA, O QUE DIFICULTA SUA EXECUÇÃO NA RECEPÇÃO DO LEITE, DE FORMA QUE EVITE SUA ENTRADA NA INDÚSTRIA. A NORMA CLASSIFICA O MÉTODO COMO QUALITATIVO, INDICANDO SE HÁ OU NÃO A PRESENÇA DO CONSERVANTE NO PRODUTO. RECENTEMENTE, NAS OPERAÇÕES LEITE COMPENSADO, O FARMACÊUTICO FABIANO BARRETO, UM DOS SUPERVISORES TÉCNICOS DO LABORATÓRIO NACIONAL AGROPECUÁRIO NO RIO GRANDE DO SUL, AFIRMOU QUE UTILIZANDO ESTE MÉTODO OFICIAL EM 60 AMOSTRAS DE LEITE, DEMOROU CERCA DE 15 DIAS PARA AVALIAR A PRESENÇA OU NÃO DE FORMOL, OU SEJA, APROXIMADAMENTE 4 AMOSTRAS/DIA. ASSIM, A INDÚSTRIA DE LATICÍNIOS TEM A NECESSIDADE DE PROVAS QUE PERMITAM A DETECÇÃO DE RESÍDUOS DE FORMOL COM MAIOR AGILIDADE E BAIXO CUSTO, PERMITINDO O RASTREAMENTO DE TODO O LEITE RECEBIDO PELA INDÚSTRIA.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (3) Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / Vanerli Beloti - Coordenador / Lycio Shinji Watanabe - Integrante / Yuri Renan Bovolenta - Integrante / NATALIA GONZAGA - Integrante / RONALDO TAMANINI - Integrante / JULIANA MAREZE - Integrante., Financiador(es): LONDRILAB COMERCIO DE PRODUTOS MICROBIOLOGICOS LTDA - EPP - Cooperação., Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 1

  • 2015 - Atual

    DESENVOLVIMENTO E VALIDAÇÃO DE MÉTODOS PARA DETERMINAÇÃO DE ESOMETRAZOL EM MATÉRIA-PRIMA E FORMAS FARMACÊUTICAS, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09612 Tipo de Cadastro: 18 - PROJETOS CEPE / UEL - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TRABALHO CIENTÍFICO Classificação: Aplicada Término Previsto: 08/07/2018 Área do CNPQ: QUIMICA Desenvolvimento do Projeto Data Situação Motivo 09/07/2015 EM EXECUÇÃO Resumo do Projeto O REFLUXO GASTRESOFÁGICO (DRGE) É UMA DOENÇA CRÔNICA DE PREVALÊNCIA NA POPULAÇÃO ADULTA DO MUNDO OCIDENTAL (10-20%) PRODUZINDO IMPACTO SOCIOECONÔMICO SIGNIFICATIVO. O ESOMEPRAZOL É O MEDICAMENTO CONSIDERADO EFICAZ PARA TRATAR O DRGE, POR INIBIR A ENZIMA K+ATPASE DA BOMBA DE PRÓTONS, BLOQUEANDO A ETAPA FINAL DA SECREÇÃO ÁCIDA GÁSTRICA. EMBORA, COMERCIALIZADO COMO MEDICAMENTO REFERÊNCIA E GENÉRICO, ATÉ O MOMENTO, CONSTATA-SE AUSÊNCIA DE MONOGRAFIA DESCREVENDO MÉTODO PARA O CONTROLE DE QUALIDADE NA FARMACOPEIA BRASILEIRA. A VALIDAÇÃO DE UM MÉTODO VISA ASSEGURAR A CONFIABILIDADE DOS RESULTADOS ANALÍTICOS, SENDO OS PARÂMETROS NORMALMENTE DETERMINADOS: SELETIVIDADE; LINEARIDADE; PRECISÃO; EXATIDÃO; FAIXA LINEAR; ROBUSTEZ; LIMITE DE DETECÇÃO E LIMITE DE QUANTIFICAÇÃO. NESTE TRABALHO, SERÃO DESENVOLVIDOS E VALIDADOS MÉTODOS EMPREGANDO A CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ALTA EFICIÊNCIA (HPLC) E ESPECTROFOTOMETRIA ULTRAVIOLETA (UV), COM AUTOMAÇÃO POR ANÁLISE DE INJEÇÃO EM FLUXO (FIA), VISANDO DETERMINAR O TEOR DE ESOMETRAZOL EM MATÉRIA-PRIMA E COMPRIMIDOS. PRETENDE-SE CONTRIBUIR PARA O CONTROLE DE QUALIDADE DO MEDICAMENTO, GARANTINDO A EFICÁCIA DO TRATAMENTO E COLABORANDO COM A QUALIDADE DE VIDA DE PORTADORES DE DOENÇA DO REFLUXO GASTRESOFÁGICO.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / Mirela Fulgencio Rabito - Integrante / Marlene Maria Fregonezi Nery - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Alan Carlos Correa - Integrante / Jessica Vertuan Rufino - Integrante / Fernando Cesar Queiroz da Silva - Integrante / Felipe Braga Trombeta - Integrante / Lúcio César de Almeida - Integrante., Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 3

  • 2015 - Atual

    AVALIAÇÃO E ESTABELECIMENTO DE PADRÃO OFICIAL BRASILEIRO DA IDENTIDADE E QUALIDADE DO CAFÉ TORRADO E MOÍDO COMERCIAL, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09632 Tipo de Cadastro: 16 - PROJETOS INTEGRADOS - PES/EXT/ENS Tipo de Pesquisa: TRABALHO CIENTÍFICO Classificação: Aplicada Término Previsto: 08/07/2017 Área do CNPQ: QUIMICA Resumo do Projeto O CAFÉ É A 2ª COMMODITY MAIS COMERCIALIZADA DO MUNDO. O BRASIL POR SUA VEZ, FIGURA COMO O MAIOR PRODUTOR E EXPORTADOR MUNDIAL, E É O 2º MAIOR CONSUMIDOR. APESAR DE SUA RELEVÂNCIA, O DEPARTAMENTO DE INSPEÇÃO DE PRODUTOS DE ORIGEM VEGETAL (DIPOV), ÓRGÃO REGULADOR E FISCALIZADOR DA SECRETARIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA DO MINISTÉRIO DA AGRICULTURA (MAPA), NÃO POSSUI QUALQUERREGULAMENTO TÉCNICO QUE ESTABELEÇA UM PADRÃO OFICIAL DE IDENTIDADE E QUALIDADE PARA O CAFÉ TORRADO E MOÍDO. POR ISSO, FREQUENTEMENTE NAS 2.400 MARCAS COMERCIALIZADAS NO MERCADO INTERNO, ENCONTRAM-SE MISTURADOS MATERIAIS DE MAIS BAIXO CUSTO/QUALIDADE. DENTRE AS ADIÇÕES MAIS COMUNS ESTÃO: CAFÉ DE MENOR PREÇO - CONILON OU ROBUSTA; CAFÉS DE MENOR QUALIDADE ? ESCOLHA COM GRÃOS DEFEITUOSOS COMO: VERDE, PRETO E ARDIDO; ADULTERANTES, TAIS COMO: MILHO, TRIGO, TRIGUILHO, SOJA, TRITICALE, AÇÚCAR MASCAVO, SEMENTES DE AÇAÍ, CEVADA; E IMPUREZAS COMO: CASCAS, PAUS E TORRÕES DE TERRA. PORTANTO, ESTE PROJETO OBJETIVA MAPEAR A QUALIDADE DO CAFÉ TORRADO E MOÍDO COMERCIALIZADO NO PARANÁ EM 2015, E ESTABELECER UM PADRÃO DE IDENTIDADE E QUALIDADE PARA O BRASIL. PARA ISSO, SERÃO EFETUADAS ANÁLISES SENSORIAIS E DE CARBOIDRATOS, VISANDO VERIFICAR A ADIÇÃO DE ADULTERANTES E IMPUREZAS, BEM COMO, AVERIGUAR A POSSIBILIDADE, DE PELO TEOR DE CAFEÍNA ESTABELECER A PROPORÇÃO DE CAFÉ CONILON MISTURADO AO ARÁBICA, EMPREGANDO A CROMATOGRAFIA A LÍQUIDO DE ALTA EFICIÊNCIA (HPLC). ESPERA-SE DESTA FORMA, ENCONTRAR MARCADORES EFICAZES, E COM O USO DE ANÁLISES QUIMIOMÉTRICAS MULTIVARIADAS CONHECER A INFLUÊNCIA DAS ADIÇÕES, CONTRIBUINDO PARA O ESTABELECIMENTO DESTE PERFIL DE QUALIDADE. ESPERA-SE AINDA, POSSIBILITAR A IMPLEMENTAÇÃO DE INSTRUÇÃO NORMATIVA PARA QUE REGULAMENTE O SETOR, TORNANDO A FISCALIZAÇÃO MAIS EFETIVA POR PARTE DOS ÓRGÃOS FISCALIZADORES, MELHORANDO A QUALIDADE DOS PRODUTOS COMERCIALIZADOS, PELA COIBIÇÃO DE FRAUDES, ASSIM COMO, GARANTINDO AO CONSUMIDOR O ACESSO A INFORMAÇÕES SOBRE OS PRODUTOS POR ELE CONSUMIDOS.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (7) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Joao Pereira dos Santos - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Maria de Almeida Silva - Integrante / Giselle Lopes Silva - Integrante / Thais Tiemi Nakahara - Integrante / Caroline Teixeira Lopes - Integrante / Mayara Portieri Alves da Silva - Integrante / ELTON MASSAROLLO - Integrante / DENIS NESTOR DA SILVA - Integrante / FRANCISCO BARBOSA LIMA - Integrante / JOSE LUCAS REZENDE DE PAULA - Integrante / ANDREA ELOISA DA SILVA REIS - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa., Número de produções C, T & A: 8 / Número de orientações: 8

  • 2015 - Atual

    CELULOSE BACTERIANA: PRODUÇÃO E APLICAÇÕES BIOMÉDICAS, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 10160 Tipo de Cadastro: 17 - ÓRGÃOS EXTERNOS DE FOMENTO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TRABALHO CIENTÍFICO Classificação: Básica Término Previsto: 16/12/2018 Área do CNPQ: CIENCIA E TECNOLOGIA DE ALIMENTOS 17/12/2015 EM EXECUÇÃO Resumo do Projeto O PROJETO É PARTE INTEGRANTE DE UM MACROPROJETO INICIADO NO ANO DE 2013, PRODUÇÃO DE FERMENTADO ACÉTICO A PARTIR DO MELAÇO DE SOJA, MESTRADO DO ALUNO ORIENTADO E COORIENTADO PELAS PROFAS DO DCTA/CCA/UEL. O OBJETIVO ERA AVALIAR A UTILIZAÇÃO DO MELAÇO DE SOJA PARA A PRODUÇÃO DE FERMENTADO ACÉTICO, PELO PROCESSO SUBMERSO. FOI ESTUDADO O RENDIMENTO DA FERMENTAÇÃO ALCOÓLICA, EM CONCENTRAÇÕES INICIAS DE MELAÇO DE SOJA DE 20, 25 E 30 ºBRIX, EM CONDIÇÃO ESTÁTICA OU SOB AGITAÇÃO. A MÁXIMA PRODUÇÃO DE ETANOL FOI DE 47,56 G/L PARA A FERMENTAÇÃO SOB AGITAÇÃO. A PARTIR DO FERMENTADO ALCOÓLICO DE MELAÇO DE SOJA, FOI PRODUZIDO O FERMENTADO ACÉTICO E ACOMPANHADO OITO CICLOS FERMENTATIVOS. A ACIDEZ MÉDIA DOS FERMENTADOS FOI DE 50,70 G/L COM RENDIMENTO EM ÁCIDO ACÉTICO (YAA), RENDIMENTO EM CONCENTRAÇÃO TOTAL (YCT) E PRODUTIVIDADE MÉDIA (PAA) DE 65,02, 92,76% E 0,033G/L/H, RESPECTIVAMENTE. OBSERVOU-SE A FORMAÇÃO DE UM ESPESSO POLÍMERO (CELULOSE BACTERIANA). A 2a ETAPA DO ESTUDO VISA À PRODUÇÃO CONSORCIADA DE ÁCIDO ACÉTICO E CELULOSE, POR BACTÉRIAS ACÉTICAS, A PARTIR DE MELAÇO DE SOJA PARA EXECUÇÃO EXPERIMENTAL E OBTENÇÃO DO TÍTULO DE MESTRE DO ALUNO RODRIGO JOSÉ GOMES. A PROPOSTA CENTRA-SE EM ESTUDAR E OTIMIZAR A PRODUÇÃO CONCOMITANTE, DE ÁCIDO ACÉTICO E DA CELULOSE, POR BACTÉRIAS ACÉTICAS, AVALIANDO O MÉTODO LENTO DE PRODUÇÃO DE VINAGRE, A PARTIR DO MELAÇO DE SOJA. INVESTIGAR O EFEITO DAS VARIÁVEIS TEMPERATURA E RELAÇÃO ENZIMA/SUBSTRATO NA OTIMIZAÇÃO DA HIDRÓLISE ENZIMÁTICA DO MELAÇO PARA POSTERIOR FERMENTAÇÃO ALCOÓLICA E ACÉTICA. IDENTIFICAR E CARACTERIZAR MOLECULARMENTE AS CEPAS BACTERIANAS ISOLADAS, RESPONSÁVEIS PELA BIOCONVERSÃO E COM MAIORES POTENCIAIS DE PRODUÇÃO DO POLÍMERO, ATRAVÉS DA AMPLIFICAÇÃO DE REGIÃO DO DNA RIBOSSOMAL, SEGUIDO DE SEQUENCIAMENTO. CARACTERIZAR A COMPOSIÇÃO DE ÁCIDOS VOLÁTEIS NO FERMENTADO, POR CROMATOGRAFIA E ESPECTROMETRIA DE MASSAS E POR RESSONÂNCIA MAGNÉTICA NUCLEAR. CARACTERIZAR A CELULOSE POR ESPECTROSCOPIA DE INFRAVERMELHO, MICROSCOPIA ELETRÔNICA DE VARREDURA, MICROSCOPIA DE FORÇA ATÔMICA, DIFRATOMETRIA DE RAIO X E RESSONÂNCIA MAGNÉTICA NUCLEAR. COMPARAR ESTE ESTUDO COM OUTROS DESENVOLVIDOS QUE ENVOLVAM OS MECANISMOS DE SÍNTESE DO BIOPOLÍMERO E OS ASPECTOS RELACIONADOS COM SUA ESTRUTURA E PROPRIEDADES. ESTA PRODUÇÃO SIMULTÂNEA PODE VIABILIZAR ECONOMICAMENTE A PRODUÇÃO DE CELULOSE, UMA VEZ QUE OS RENDIMENTOS AINDA SÃO CONSIDERADOS BAIXOS E TAMBÉM AGREGAR VALOR À INDÚSTRIA PRODUTORA DE FERMENTADOS ACÉTICOS. O MESMO FAZ PARTE COMO PLANO DE AÇÃO (PA3), DO MACROPROGRAMA 2, INTITULADO CELULOSE BACTERIANA: PRODUÇÃO E APLICAÇÕES BIOMÉDICAS, DA LINHA NANOTECNOLOGIA NO AGRONEGÓCIO: NOVAS FRONTEIRAS CONTEXTUALIZADAS ÀS NECESSIDADES, DA EMBRAPA. SÃO PARTICIPANTES AS UNIDADES DA EMBRAPA, CNPAT, CTAA E CNPSO, QUATRO UNIVERSIDADES (UFC, UFF, UNICAMP, UEL) E INMETRO. O PA3 DA UEL, SERÁ O RESPONSÁVEL PELAS ATIVIDADES RELACIONADAS À PRODUÇÃO DE CB DE MELAÇO DE SOJA, UTILIZANDO ROTA ACÉTICA, POR MEIO DE ESPÉCIES DO GÊNERO GLUCONOBACTER SP. AS ATIVIDADES DO GRUPO DO DCTA SÃO OBTENÇÃO DA MATÉRIA-PRIMA JUNTO ÀS INDÚSTRIAS PRODUTORAS, REMESSA DO MATERIAL PARA OS PARTICIPANTES DO GRUPO, CARACTERIZAÇÃO QUÍMICA DA MATÉRIA PRIMA, COLETA, ISOLAMENTO E SELEÇÃO DOS MICRORGANISMOS DE UNIDADES PRODUTORAS DE VINAGRE, BEM COMO O ESTUDO DO PROCESSO FERMENTATIVO. IDENTIFICAÇÃO E CARACTERIZAÇÃO DE CEPAS ISOLADAS SERÁ EXECUTADA NO DEPARTAMENTO DE BIOLOGIA E GENÉTICA CARACTERIZAÇÕES DA CB E DOS FERMENTADOS ACÉTICOS SERÃO EXECUTADOS NOS LABORATÓRIOS DO DEPARTAMENTO DE BIOQUÍMICA. O PA3 É FINANCIADO COM RECURSOS DA EMBRAPA, NO VALOR DE R$ 90.325,00. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (4) / Doutorado: (5) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / Elza Iouko Ida - Integrante / Wilma Aparecida Spinosa - Coordenador / JOSE MARCOS GONTIJO MANDARINO - Integrante / CESAR AUGUSTO TISCHER - Integrante / DIEGO GALVAN - Integrante / FERNANDA GARCIA DE ALMEIDA - Integrante / FERNANDA SILVA FARINAZZO - Integrante / GEOVANA PIVETA RIBEIRO - Integrante / LAURIVAL ANTONIO VILAS BOAS - Integrante / MARIANA ASSIS DE QUEIROZ C.. - Integrante / RODRIGO JOSÉ GOMES - Integrante / TAMARA MACIEL MACHADO - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2014 - Atual

    PROTIUM PILOSUM (TETRAGASTRIS PILOSA) DA FAMÍLIA BUCERACEA: MARCADORES COM POTENCIAL ATIVIDADE ANTIMALÁRIA E ANTILESHMANIA, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09186 Tipo de Cadastro: 20 - PROJETOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: DISSERTAÇÃO DE MESTRADO Classificação: Aplicada Término Previsto: 16/08/2016 Resumo do Projeto OS NÍVEIS DE PESSOAS INFECTADAS POR DOENÇAS NEGLIGENCIADAS COMO MALÁRIA E LEISHMANIOSE SÃO ALARMANTES NO BRASIL. UM DOS FATORES É O CRESCIMENTO POPULACIONAL DESORDENADO, QUE ACARRETA NÃO SÓ PROBLEMAS SOCIOECONÔMICOS, MAS TAMBÉM AMBIENTAIS. ATRELADAS À ESTE, A FALTA DE SANEAMENTO BÁSICO SÃO FATORES QUE CONTRIBUEM PARA UM AMBIENTE PROPICIO AO CRESCIMENTO DOS VETORES DA DOENÇA, E DESTA FORMA, PARA O AUMENTO DO NÚMERO DE CASOS DE PESSOAS INFECTADAS. ATUALMENTE NÃO EXISTE VACINA CONTRA A MALÁRIA E A LEISHMANIOSE, E NEM TRATAMENTOS EFICAZES E ATÓXICOS. UMA ALTERNATIVA CORRIQUEIRA UTILIZADA POR COMUNIDADES NA REGIÃO AMAZÔNICA É O USO DO EXTRATO DE PLANTAS QUE COMBATEM OS SINTOMAS DA MALÁRIA E LEISHMANIOSE, UMAS DELAS É A P. PILOSUM, CONHECIDA POPULARMENTE COMO BREU BRANCO. ASSIM, BASEADO NO USO POPULAR DA P. PILOSUM, BUSCA-SE NESTE TRABALHO IDENTIFICAR EVIDÊNCIAS CIENTÍFICAS DA SUA EFICÁCIA, POR MEIO DO ESTUDO DE EXTRATOS OBTIDOS DO P. PILOSUM FRENTE AOS PROTOZOÁRIOS. A OBTENÇÃO DOS EXTRATOS SERÁ REALIZADA POR DIVERSOS MÉTODOS, TAIS COMO MACERAÇÃO, SOXHLET, ULTRA-SOM E CROMATOGRAFIA POR COLUNA DE FRACIONAMENTO. O EXTRATO QUE APRESENTAR MAIOR POTENCIAL EM TERMOS DE PRINCÍPIOS ATIVOS SERÁ AVALIADO POR CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ALTA EFICIÊNCIA. PRETENDE-SE COM ESTE TRABALHO AVANÇAR NO CONHECIMENTO DOS COMPONENTES DESTA PLANTA, VERIFICANDO A ATIVIDADE FRENTE AOS AGENTES ETIOLÓGICOS DA MALÁRIA E DA LEISHMANIOSE.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (2) Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Agerdânio Andrade De Souza - Integrante., Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 3

  • 2014 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE SISTEMA CROMATOGRÁFICO IÔNICO MINIATURIZADO COM PREPARO DE AMOSTRA AUTOMATIZADO E MÉTODO QUIMIOMÉTRICO PARA AVALIAÇÃO DA QUALIDADE DO CAFÉ POR ESPECTROSCOPIA NIR E UPLC®-MS/MS, Descrição: Cadastrado na PROPPG/UEL sob o número 09924 Tipo de Cadastro: 20 - PROJETOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TESE DE DOUTORADO Classificação: Aplicada Término Previsto: 23/02/2018 Área do CNPQ: QUIMICA Resumo do Projeto DESDE QUE FOI INTRODUZIDA NO INÍCIO DO SÉCULO XX, A CROMATOGRAFIA VEM SOFRENDO GRANDES AVANÇOS. PORÉM, A MINIATURIZAÇÃO DE SISTEMAS CROMATOGRÁFICOS, APESAR DE SER CONSIDERADA UM RAMO PROMISSOR, CONTINUA BASTANTE LENTA. ESTA AINDA NÃO ALCANÇOU AMPLA DIFUSÃO, SENDO QUE O NÚMERO DE GRUPOS DE PESQUISA QUE DESENVOLVEM TRABALHOS NESSA ÁREA É BASTANTE RESTRITO. UM DOS LIMITANTES DESSE AVANÇO ESTÁ NA DIFICULDADE DE SE DESENVOLVER EQUIPAMENTOS ADEQUADOS, TÉCNICAS DE PREPARO DE AMOSTRAS, COLUNAS APROPRIADAS E SISTEMAS DE AQUISIÇÃO DE DADOS PASSÍVEIS DE APLICAÇÃO EM SISTEMAS MINIATURIZADOS. APESAR DE MUITOS DESSES PROBLEMAS POSSUÍREM RELATIVA FACILIDADE DE RESOLUÇÃO, AINDA NÃO SE DISPÕE DE EQUIPAMENTOS COMERCIALMENTE DISPONÍVEIS QUE SUPRAM AS CONDIÇÕES IMPOSTAS POR SISTEMAS MINIATURIZADOS EM SUA TOTALIDADE. ESTA DEMANDA PRECISA SER SUPRIDA PARA QUE SE POSSA USUFRUIR DE VANTAGENS COMO: MENOR CONSUMO DE SOLVENTES, UTILIZAÇÃO DE PEQUENOS VOLUMES DE AMOSTRA E, AUMENTO DE SENSIBILIDADE, INTRÍNSECOS À MINIATURIZAÇÃO DA CROMATOGRAFIA LÍQUIDA, REPRESENTANDO REDUÇÃO NO TRATAMENTO DOS RESÍDUOS, APELO IMPOSTO PELA QUÍMICA VERDE. SEGUINDO A MESMA LINHA, MÉTODOS QUE GEREM MENORES PASSÍVEIS AMBIENTAIS PRECISAM SER DESENVOLVIDOS. DURANTE AS DUAS ÚLTIMAS DÉCADAS AS ANÁLISES ESPECTRAIS POR INFRAVERMELHO PRÓXIMO (NIR), TEM SE DESTACADO COMO FERRAMENTA ANALÍTICA CONFIÁVEL E PROMISSORA PARA A AVALIAÇÃO DE ATRIBUTOS DE QUALIDADE. ESSA TÉCNICA, CONJUGADA COM FERRAMENTAS QUIMIOMÉTRICAS, APRESENTAM POTENCIAL NA OBTENÇÃO DE FORMA RÁPIDA DA COMPOSIÇÃO QUÍMICA E PROPRIEDADES RELACIONADAS Á DIVERSAS MATRIZES ALIMENTARES. PELO FATO DO CAFÉ SER A SEGUNDA COMMODITY DE MAISALTO VALOR ECONÔMICO, COSTUMA SOFRER ADULTERAÇÃO, COM ADIÇÃO DE DIVERSOS GRÃOS OU MATERIAIS DE MAIS BAIXO CUSTO, DEPENDENDO DA DISPONIBILIDADE E/OU COTAÇÃO DESTES NO MERCADO. ENTRETANTO, HÁ CARÊNCIA DE MÉTODOS ANALÍTICOS NÃO DESTRUTÍVEIS, CAPAZES DE SUPRIR A DEMANDA DE MERCADO FORNECENDO RESULTADOS RÁPIDOS E CONFIÁVEIS, PARA A VERIFICAÇÃO DA SUA QUALIDADE. VISANDO A RESOLUÇÃO DOS PROBLEMAS EXPOSTOS, ESTE ESTUDO OBJETIVA O DESENVOLVIMENTO INSTRUMENTAL DE UM SISTEMA CROMATOGRÁFICO IÔNICO MINIATURIZADO COM MÓDULO DE EXTRAÇÃO E PREPARO DE AMOSTRAS AUTOMATIZADO, DE UM MÉTODO PARA O ESTUDO DE ADULTERAÇÕES EM CAFÉ EMPREGANDO ESPECTROSCOPIA NIR E QUIMIOMETRIA E, DE UM MÉTODO PARA DISTINÇÃO ENTRE CAFÉ ROBUSTA E ARÁBICA UTILIZANDO CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ULTRA ALTA PERFORMANCE ACOPLADA A DETECTOR DE MASSAS (UPLC®-MS/MS).. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Maria de Almeida Silva - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Companhia Cacique de Café Solúvel - Cooperação., Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 6

  • 2014 - Atual

    TÉCNICAS EXTRATIVAS PARA ANÁLISE DE PESTICIDAS, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09923 Tipo de Cadastro: 20 - PROJETOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TESE DE DOUTORADO Classificação: Aplicada Término Previsto: 23/02/2018 Área do CNPQ: QUIMICA Resumo do Projeto COM O CRESCIMENTO CONTÍNUO DO AGRONEGÓCIO BRASILEIRO, O CONSUMO DE AGROTÓXICOS E A POLUIÇÃO, POR ESTE CAUSADA, TENDEM A SEGUIR A MESMA PROJEÇÃO DE CRESCIMENTO. SABE-SE QUE O CONTATO DIRETO OU INDIRETO COM ESTE TIPO DE PRODUTO TRAZ CONSEQUÊNCIAS Á LONGO PRAZO PARA A SAÚDE. SENDO ASSIM, UM CONTROLE AMBIENTAL RÍGIDO DEVE SER REALIZADO, OBJETIVANDO O USO DE ANÁLISES RÁPIDAS, DE FÁCIL EXECUÇÃO E COM MENOR GERAÇÃO DE RESÍDUOS. TÉCNICAS CONSAGRADAS COMO A EXTRAÇÃO LÍQUIDO-LÍQUIDO (LLE) VÊM PERDENDO ESPAÇO PARA AS QUE UTILIZAM MENOS SOLVENTES, COMO EXTRAÇÃO FASE SÓLIDA (SPE), E PARA OUTRAS QUE SEGUEM AS TENDÊNCIAS DE MINIATURIZAÇÃO E AUTOMAÇÃO ANALÍTICA. NESTE CONTEXTO DESTACA-SE A EXTRAÇÃO SORTIVA EM BARRA DE AGITAÇÃO MAGNÉTICA (SBSE) QUE UTILIZA UMA FASE POLIMÉRICA, PARA QUAL O ANALITO É TRANSFERIDO. O DESENVOLVIMENTO DE METODOLOGIAS EXTRATIVAS AINDA É UM DESAFIO, DEVIDO A GRANDE QUANTIDADE DE FATORES ANALÍTICOS CRÍTICOS E INTERFERENTES NAS MATRIZES AMOSTRAIS. O USO DE PLANEJAMENTOS EXPERIMENTAIS POR SUA VEZ, BUSCA A OTIMIZAÇÃO DESSAS METODOLOGIAS AO ESTUDAR AS INTERAÇÕES CRÍTICAS DE ANÁLISE. SENDO ASSIM, AO SE PROPOR NOVAS METODOLOGIAS ESSE ESTUDO FAVORECE A OBTENÇÃO DE MÉTODOS MAIS ROBUSTOS, SELETIVOS E COM CAPACIDADE EXTRATIVA ADEQUADA À NECESSIDADE À APLICAÇÃO NO CONTROLE AMBIENTAL COMO DE PESTICIDAS.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Caroline Teixeira Lopes - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Auxílio financeiro / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa., Número de produções C, T & A: 8 / Número de orientações: 4

  • 2016 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE METODOLOGIA RÁPIDA PARA DETECÇÃO DE FORMOL NO LEITE, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Vanerli Beloti em 13/05/2016., Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 10191 Tipo de Cadastro: 18 - PROJETOS CEPE / UEL - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: INOVAÇÃO TECNOLÓGICA Classificação: Aplicada Processo: / Relatório: Término Previsto: 27/04/2017 Área do CNPQ: MEDICINA VETERINARIA Resumo do Projeto A QUALIDADE DO LEITE CONSUMIDO É UMA CONSTANTE PREOCUPAÇÃO DOS TÉCNICOS E AUTORIDADES LIGADOS À ÁREA DE SAÚDE E LATICÍNIOS BEM COMO DOS CONSUMIDORES. UM DOS PROBLEMAS MAIS GRAVES SÃO AS DIVERSAS FRAUDES QUE CAUSAM PREJUÍZOS ECONÔMICOS, RISCOS À SAÚDE DOS CONSUMIDORES E PROBLEMAS TECNOLÓGICOS PARA AS INDÚSTRIAS. O LEITE É UM DOS ALIMENTOS QUE MAIS COMUMENTE SOFRE ADULTERAÇÕES E O CONSIDERA-SE FRAUDADO QUANDO OCORRE O DESNATE ANTES DE SEU PROCESSAMENTO OU QUANDO SÃO ADICIONADAS SUBSTÂNCIAS PROIBIDAS PELA LEGISLAÇÃO OU DE QUAISQUER ELEMENTOS ESTRANHOS A SUA COMPOSIÇÃO. AS FRAUDES NO LEITE TÊM COMO OBJETIVOS PRINCIPAIS AUMENTAR O VOLUME E CONTROLAR AS ALTERAÇÕES PROVOCADAS PELOS MICRORGANISMOS. A ADIÇÃO DE CONSERVANTES É UMA FRAUDE RELACIONADA À CONTAMINAÇÃO DO LEITE. SÃO UTILIZADAS DIVERSAS SUBSTÂNCIAS PARA ESTE FIM, E DENTRE ELAS, O FORMALDEÍDO, TENDO COMO OBJETIVO PRINCIPAL A REDUÇÃO OU ELIMINAÇÃO DE MICRORGANISMOS PRESENTES NO LEITE, PREVENINDO AS ALTERAÇÕES DECORRENTES DE SUA MULTIPLICAÇÃO. O FORMOL É CONSIDERADO ALTAMENTE TÓXICO AO SER INGERIDO, INALADO OU EM CONTATO COM A PELE, POR VIA INTRAVENOSA, INTRAPERITONEAL OU SUBCUTÂNEA, POIS PROMOVE MUTAÇÃO EM CÉLULAS SADIAS TRANSFORMANDO-AS EM CÉLULAS CARCINOGÊNICAS. POR ESTE MOTIVO, ESTA SUBSTÂNCIA FOI PROIBIDA DE SER USADA EM VÁRIOS SETORES, COMO O DE BELEZA, COSMÉTICO E ALIMENTÍCIO. E, NOS SETORES EM QUE É AINDA UTILIZADA, EXISTE UM LIMITE LEGAL DE EXPOSIÇÃO DO FORMOL AO HOMEM, O QUAL SE NÃO OBEDECIDO PODE LEVAR A EFEITOS PREJUDICIAIS À SAÚDE, ALÉM DE MULTAS ÀS EMPRESAS. ATUALMENTE, A ANÁLISE DE FORMOL EM LEITE ENCONTRA-SE ESPECIFICADA NA INSTRUÇÃO NORMATIVA N° 68/2006, NO TÓPICO MÉTODOS ANALÍTICOS FÍSICO-QUÍMICOS OFICIAIS PARA LEITE E PRODUTOS LÁCTEOS. A PROVA EXIGE A DESTILAÇÃO DO LEITE, É DEMORADA E LABORIOSA, O QUE DIFICULTA SUA EXECUÇÃO NA RECEPÇÃO DO LEITE, DE FORMA QUE EVITE SUA ENTRADA NA INDÚSTRIA. A NORMA CLASSIFICA O MÉTODO COMO QUALITATIVO, INDICANDO SE HÁ OU NÃO A PRESENÇA DO CONSERVANTE NO PRODUTO. RECENTEMENTE, NAS OPERAÇÕES LEITE COMPENSADO, O FARMACÊUTICO FABIANO BARRETO, UM DOS SUPERVISORES TÉCNICOS DO LABORATÓRIO NACIONAL AGROPECUÁRIO NO RIO GRANDE DO SUL, AFIRMOU QUE UTILIZANDO ESTE MÉTODO OFICIAL EM 60 AMOSTRAS DE LEITE, DEMOROU CERCA DE 15 DIAS PARA AVALIAR A PRESENÇA OU NÃO DE FORMOL, OU SEJA, APROXIMADAMENTE 4 AMOSTRAS/DIA. ASSIM, A INDÚSTRIA DE LATICÍNIOS TEM A NECESSIDADE DE PROVAS QUE PERMITAM A DETECÇÃO DE RESÍDUOS DE FORMOL COM MAIOR AGILIDADE E BAIXO CUSTO, PERMITINDO O RASTREAMENTO DE TODO O LEITE RECEBIDO PELA INDÚSTRIA.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (3) Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / Vanerli Beloti - Coordenador / Lycio Shinji Watanabe - Integrante / Yuri Renan Bovolenta - Integrante / NATALIA GONZAGA - Integrante / RONALDO TAMANINI - Integrante / JULIANA MAREZE - Integrante., Financiador(es): LONDRILAB COMERCIO DE PRODUTOS MICROBIOLOGICOS LTDA - EPP - Cooperação., Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 1

  • 2015 - Atual

    DESENVOLVIMENTO E VALIDAÇÃO DE MÉTODOS PARA DETERMINAÇÃO DE ESOMETRAZOL EM MATÉRIA-PRIMA E FORMAS FARMACÊUTICAS, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09612 Tipo de Cadastro: 18 - PROJETOS CEPE / UEL - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TRABALHO CIENTÍFICO Classificação: Aplicada Término Previsto: 08/07/2018 Área do CNPQ: QUIMICA Desenvolvimento do Projeto Data Situação Motivo 09/07/2015 EM EXECUÇÃO Resumo do Projeto O REFLUXO GASTRESOFÁGICO (DRGE) É UMA DOENÇA CRÔNICA DE PREVALÊNCIA NA POPULAÇÃO ADULTA DO MUNDO OCIDENTAL (10-20%) PRODUZINDO IMPACTO SOCIOECONÔMICO SIGNIFICATIVO. O ESOMEPRAZOL É O MEDICAMENTO CONSIDERADO EFICAZ PARA TRATAR O DRGE, POR INIBIR A ENZIMA K+ATPASE DA BOMBA DE PRÓTONS, BLOQUEANDO A ETAPA FINAL DA SECREÇÃO ÁCIDA GÁSTRICA. EMBORA, COMERCIALIZADO COMO MEDICAMENTO REFERÊNCIA E GENÉRICO, ATÉ O MOMENTO, CONSTATA-SE AUSÊNCIA DE MONOGRAFIA DESCREVENDO MÉTODO PARA O CONTROLE DE QUALIDADE NA FARMACOPEIA BRASILEIRA. A VALIDAÇÃO DE UM MÉTODO VISA ASSEGURAR A CONFIABILIDADE DOS RESULTADOS ANALÍTICOS, SENDO OS PARÂMETROS NORMALMENTE DETERMINADOS: SELETIVIDADE; LINEARIDADE; PRECISÃO; EXATIDÃO; FAIXA LINEAR; ROBUSTEZ; LIMITE DE DETECÇÃO E LIMITE DE QUANTIFICAÇÃO. NESTE TRABALHO, SERÃO DESENVOLVIDOS E VALIDADOS MÉTODOS EMPREGANDO A CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ALTA EFICIÊNCIA (HPLC) E ESPECTROFOTOMETRIA ULTRAVIOLETA (UV), COM AUTOMAÇÃO POR ANÁLISE DE INJEÇÃO EM FLUXO (FIA), VISANDO DETERMINAR O TEOR DE ESOMETRAZOL EM MATÉRIA-PRIMA E COMPRIMIDOS. PRETENDE-SE CONTRIBUIR PARA O CONTROLE DE QUALIDADE DO MEDICAMENTO, GARANTINDO A EFICÁCIA DO TRATAMENTO E COLABORANDO COM A QUALIDADE DE VIDA DE PORTADORES DE DOENÇA DO REFLUXO GASTRESOFÁGICO.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / Mirela Fulgencio Rabito - Integrante / Marlene Maria Fregonezi Nery - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Alan Carlos Correa - Integrante / Jessica Vertuan Rufino - Integrante / Fernando Cesar Queiroz da Silva - Integrante / Felipe Braga Trombeta - Integrante / Lúcio César de Almeida - Integrante., Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 3

  • 2015 - Atual

    AVALIAÇÃO E ESTABELECIMENTO DE PADRÃO OFICIAL BRASILEIRO DA IDENTIDADE E QUALIDADE DO CAFÉ TORRADO E MOÍDO COMERCIAL, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09632 Tipo de Cadastro: 16 - PROJETOS INTEGRADOS - PES/EXT/ENS Tipo de Pesquisa: TRABALHO CIENTÍFICO Classificação: Aplicada Término Previsto: 08/07/2017 Área do CNPQ: QUIMICA Resumo do Projeto O CAFÉ É A 2ª COMMODITY MAIS COMERCIALIZADA DO MUNDO. O BRASIL POR SUA VEZ, FIGURA COMO O MAIOR PRODUTOR E EXPORTADOR MUNDIAL, E É O 2º MAIOR CONSUMIDOR. APESAR DE SUA RELEVÂNCIA, O DEPARTAMENTO DE INSPEÇÃO DE PRODUTOS DE ORIGEM VEGETAL (DIPOV), ÓRGÃO REGULADOR E FISCALIZADOR DA SECRETARIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA DO MINISTÉRIO DA AGRICULTURA (MAPA), NÃO POSSUI QUALQUERREGULAMENTO TÉCNICO QUE ESTABELEÇA UM PADRÃO OFICIAL DE IDENTIDADE E QUALIDADE PARA O CAFÉ TORRADO E MOÍDO. POR ISSO, FREQUENTEMENTE NAS 2.400 MARCAS COMERCIALIZADAS NO MERCADO INTERNO, ENCONTRAM-SE MISTURADOS MATERIAIS DE MAIS BAIXO CUSTO/QUALIDADE. DENTRE AS ADIÇÕES MAIS COMUNS ESTÃO: CAFÉ DE MENOR PREÇO - CONILON OU ROBUSTA; CAFÉS DE MENOR QUALIDADE ? ESCOLHA COM GRÃOS DEFEITUOSOS COMO: VERDE, PRETO E ARDIDO; ADULTERANTES, TAIS COMO: MILHO, TRIGO, TRIGUILHO, SOJA, TRITICALE, AÇÚCAR MASCAVO, SEMENTES DE AÇAÍ, CEVADA; E IMPUREZAS COMO: CASCAS, PAUS E TORRÕES DE TERRA. PORTANTO, ESTE PROJETO OBJETIVA MAPEAR A QUALIDADE DO CAFÉ TORRADO E MOÍDO COMERCIALIZADO NO PARANÁ EM 2015, E ESTABELECER UM PADRÃO DE IDENTIDADE E QUALIDADE PARA O BRASIL. PARA ISSO, SERÃO EFETUADAS ANÁLISES SENSORIAIS E DE CARBOIDRATOS, VISANDO VERIFICAR A ADIÇÃO DE ADULTERANTES E IMPUREZAS, BEM COMO, AVERIGUAR A POSSIBILIDADE, DE PELO TEOR DE CAFEÍNA ESTABELECER A PROPORÇÃO DE CAFÉ CONILON MISTURADO AO ARÁBICA, EMPREGANDO A CROMATOGRAFIA A LÍQUIDO DE ALTA EFICIÊNCIA (HPLC). ESPERA-SE DESTA FORMA, ENCONTRAR MARCADORES EFICAZES, E COM O USO DE ANÁLISES QUIMIOMÉTRICAS MULTIVARIADAS CONHECER A INFLUÊNCIA DAS ADIÇÕES, CONTRIBUINDO PARA O ESTABELECIMENTO DESTE PERFIL DE QUALIDADE. ESPERA-SE AINDA, POSSIBILITAR A IMPLEMENTAÇÃO DE INSTRUÇÃO NORMATIVA PARA QUE REGULAMENTE O SETOR, TORNANDO A FISCALIZAÇÃO MAIS EFETIVA POR PARTE DOS ÓRGÃOS FISCALIZADORES, MELHORANDO A QUALIDADE DOS PRODUTOS COMERCIALIZADOS, PELA COIBIÇÃO DE FRAUDES, ASSIM COMO, GARANTINDO AO CONSUMIDOR O ACESSO A INFORMAÇÕES SOBRE OS PRODUTOS POR ELE CONSUMIDOS.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (7) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Joao Pereira dos Santos - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Maria de Almeida Silva - Integrante / Giselle Lopes Silva - Integrante / Thais Tiemi Nakahara - Integrante / Caroline Teixeira Lopes - Integrante / Mayara Portieri Alves da Silva - Integrante / ELTON MASSAROLLO - Integrante / DENIS NESTOR DA SILVA - Integrante / FRANCISCO BARBOSA LIMA - Integrante / JOSE LUCAS REZENDE DE PAULA - Integrante / ANDREA ELOISA DA SILVA REIS - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa., Número de produções C, T & A: 8 / Número de orientações: 8

  • 2015 - Atual

    CELULOSE BACTERIANA: PRODUÇÃO E APLICAÇÕES BIOMÉDICAS, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 10160 Tipo de Cadastro: 17 - ÓRGÃOS EXTERNOS DE FOMENTO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TRABALHO CIENTÍFICO Classificação: Básica Término Previsto: 16/12/2018 Área do CNPQ: CIENCIA E TECNOLOGIA DE ALIMENTOS 17/12/2015 EM EXECUÇÃO Resumo do Projeto O PROJETO É PARTE INTEGRANTE DE UM MACROPROJETO INICIADO NO ANO DE 2013, PRODUÇÃO DE FERMENTADO ACÉTICO A PARTIR DO MELAÇO DE SOJA, MESTRADO DO ALUNO ORIENTADO E COORIENTADO PELAS PROFAS DO DCTA/CCA/UEL. O OBJETIVO ERA AVALIAR A UTILIZAÇÃO DO MELAÇO DE SOJA PARA A PRODUÇÃO DE FERMENTADO ACÉTICO, PELO PROCESSO SUBMERSO. FOI ESTUDADO O RENDIMENTO DA FERMENTAÇÃO ALCOÓLICA, EM CONCENTRAÇÕES INICIAS DE MELAÇO DE SOJA DE 20, 25 E 30 ºBRIX, EM CONDIÇÃO ESTÁTICA OU SOB AGITAÇÃO. A MÁXIMA PRODUÇÃO DE ETANOL FOI DE 47,56 G/L PARA A FERMENTAÇÃO SOB AGITAÇÃO. A PARTIR DO FERMENTADO ALCOÓLICO DE MELAÇO DE SOJA, FOI PRODUZIDO O FERMENTADO ACÉTICO E ACOMPANHADO OITO CICLOS FERMENTATIVOS. A ACIDEZ MÉDIA DOS FERMENTADOS FOI DE 50,70 G/L COM RENDIMENTO EM ÁCIDO ACÉTICO (YAA), RENDIMENTO EM CONCENTRAÇÃO TOTAL (YCT) E PRODUTIVIDADE MÉDIA (PAA) DE 65,02, 92,76% E 0,033G/L/H, RESPECTIVAMENTE. OBSERVOU-SE A FORMAÇÃO DE UM ESPESSO POLÍMERO (CELULOSE BACTERIANA). A 2a ETAPA DO ESTUDO VISA À PRODUÇÃO CONSORCIADA DE ÁCIDO ACÉTICO E CELULOSE, POR BACTÉRIAS ACÉTICAS, A PARTIR DE MELAÇO DE SOJA PARA EXECUÇÃO EXPERIMENTAL E OBTENÇÃO DO TÍTULO DE MESTRE DO ALUNO RODRIGO JOSÉ GOMES. A PROPOSTA CENTRA-SE EM ESTUDAR E OTIMIZAR A PRODUÇÃO CONCOMITANTE, DE ÁCIDO ACÉTICO E DA CELULOSE, POR BACTÉRIAS ACÉTICAS, AVALIANDO O MÉTODO LENTO DE PRODUÇÃO DE VINAGRE, A PARTIR DO MELAÇO DE SOJA. INVESTIGAR O EFEITO DAS VARIÁVEIS TEMPERATURA E RELAÇÃO ENZIMA/SUBSTRATO NA OTIMIZAÇÃO DA HIDRÓLISE ENZIMÁTICA DO MELAÇO PARA POSTERIOR FERMENTAÇÃO ALCOÓLICA E ACÉTICA. IDENTIFICAR E CARACTERIZAR MOLECULARMENTE AS CEPAS BACTERIANAS ISOLADAS, RESPONSÁVEIS PELA BIOCONVERSÃO E COM MAIORES POTENCIAIS DE PRODUÇÃO DO POLÍMERO, ATRAVÉS DA AMPLIFICAÇÃO DE REGIÃO DO DNA RIBOSSOMAL, SEGUIDO DE SEQUENCIAMENTO. CARACTERIZAR A COMPOSIÇÃO DE ÁCIDOS VOLÁTEIS NO FERMENTADO, POR CROMATOGRAFIA E ESPECTROMETRIA DE MASSAS E POR RESSONÂNCIA MAGNÉTICA NUCLEAR. CARACTERIZAR A CELULOSE POR ESPECTROSCOPIA DE INFRAVERMELHO, MICROSCOPIA ELETRÔNICA DE VARREDURA, MICROSCOPIA DE FORÇA ATÔMICA, DIFRATOMETRIA DE RAIO X E RESSONÂNCIA MAGNÉTICA NUCLEAR. COMPARAR ESTE ESTUDO COM OUTROS DESENVOLVIDOS QUE ENVOLVAM OS MECANISMOS DE SÍNTESE DO BIOPOLÍMERO E OS ASPECTOS RELACIONADOS COM SUA ESTRUTURA E PROPRIEDADES. ESTA PRODUÇÃO SIMULTÂNEA PODE VIABILIZAR ECONOMICAMENTE A PRODUÇÃO DE CELULOSE, UMA VEZ QUE OS RENDIMENTOS AINDA SÃO CONSIDERADOS BAIXOS E TAMBÉM AGREGAR VALOR À INDÚSTRIA PRODUTORA DE FERMENTADOS ACÉTICOS. O MESMO FAZ PARTE COMO PLANO DE AÇÃO (PA3), DO MACROPROGRAMA 2, INTITULADO CELULOSE BACTERIANA: PRODUÇÃO E APLICAÇÕES BIOMÉDICAS, DA LINHA NANOTECNOLOGIA NO AGRONEGÓCIO: NOVAS FRONTEIRAS CONTEXTUALIZADAS ÀS NECESSIDADES, DA EMBRAPA. SÃO PARTICIPANTES AS UNIDADES DA EMBRAPA, CNPAT, CTAA E CNPSO, QUATRO UNIVERSIDADES (UFC, UFF, UNICAMP, UEL) E INMETRO. O PA3 DA UEL, SERÁ O RESPONSÁVEL PELAS ATIVIDADES RELACIONADAS À PRODUÇÃO DE CB DE MELAÇO DE SOJA, UTILIZANDO ROTA ACÉTICA, POR MEIO DE ESPÉCIES DO GÊNERO GLUCONOBACTER SP. AS ATIVIDADES DO GRUPO DO DCTA SÃO OBTENÇÃO DA MATÉRIA-PRIMA JUNTO ÀS INDÚSTRIAS PRODUTORAS, REMESSA DO MATERIAL PARA OS PARTICIPANTES DO GRUPO, CARACTERIZAÇÃO QUÍMICA DA MATÉRIA PRIMA, COLETA, ISOLAMENTO E SELEÇÃO DOS MICRORGANISMOS DE UNIDADES PRODUTORAS DE VINAGRE, BEM COMO O ESTUDO DO PROCESSO FERMENTATIVO. IDENTIFICAÇÃO E CARACTERIZAÇÃO DE CEPAS ISOLADAS SERÁ EXECUTADA NO DEPARTAMENTO DE BIOLOGIA E GENÉTICA CARACTERIZAÇÕES DA CB E DOS FERMENTADOS ACÉTICOS SERÃO EXECUTADOS NOS LABORATÓRIOS DO DEPARTAMENTO DE BIOQUÍMICA. O PA3 É FINANCIADO COM RECURSOS DA EMBRAPA, NO VALOR DE R$ 90.325,00. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (4) / Doutorado: (5) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / Elza Iouko Ida - Integrante / Wilma Aparecida Spinosa - Coordenador / JOSE MARCOS GONTIJO MANDARINO - Integrante / CESAR AUGUSTO TISCHER - Integrante / DIEGO GALVAN - Integrante / FERNANDA GARCIA DE ALMEIDA - Integrante / FERNANDA SILVA FARINAZZO - Integrante / GEOVANA PIVETA RIBEIRO - Integrante / LAURIVAL ANTONIO VILAS BOAS - Integrante / MARIANA ASSIS DE QUEIROZ C.. - Integrante / RODRIGO JOSÉ GOMES - Integrante / TAMARA MACIEL MACHADO - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2014 - Atual

    TÉCNICAS EXTRATIVAS PARA ANÁLISE DE PESTICIDAS, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09923 Tipo de Cadastro: 20 - PROJETOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TESE DE DOUTORADO Classificação: Aplicada Término Previsto: 23/02/2018 Área do CNPQ: QUIMICA Resumo do Projeto COM O CRESCIMENTO CONTÍNUO DO AGRONEGÓCIO BRASILEIRO, O CONSUMO DE AGROTÓXICOS E A POLUIÇÃO, POR ESTE CAUSADA, TENDEM A SEGUIR A MESMA PROJEÇÃO DE CRESCIMENTO. SABE-SE QUE O CONTATO DIRETO OU INDIRETO COM ESTE TIPO DE PRODUTO TRAZ CONSEQUÊNCIAS Á LONGO PRAZO PARA A SAÚDE. SENDO ASSIM, UM CONTROLE AMBIENTAL RÍGIDO DEVE SER REALIZADO, OBJETIVANDO O USO DE ANÁLISES RÁPIDAS, DE FÁCIL EXECUÇÃO E COM MENOR GERAÇÃO DE RESÍDUOS. TÉCNICAS CONSAGRADAS COMO A EXTRAÇÃO LÍQUIDO-LÍQUIDO (LLE) VÊM PERDENDO ESPAÇO PARA AS QUE UTILIZAM MENOS SOLVENTES, COMO EXTRAÇÃO FASE SÓLIDA (SPE), E PARA OUTRAS QUE SEGUEM AS TENDÊNCIAS DE MINIATURIZAÇÃO E AUTOMAÇÃO ANALÍTICA. NESTE CONTEXTO DESTACA-SE A EXTRAÇÃO SORTIVA EM BARRA DE AGITAÇÃO MAGNÉTICA (SBSE) QUE UTILIZA UMA FASE POLIMÉRICA, PARA QUAL O ANALITO É TRANSFERIDO. O DESENVOLVIMENTO DE METODOLOGIAS EXTRATIVAS AINDA É UM DESAFIO, DEVIDO A GRANDE QUANTIDADE DE FATORES ANALÍTICOS CRÍTICOS E INTERFERENTES NAS MATRIZES AMOSTRAIS. O USO DE PLANEJAMENTOS EXPERIMENTAIS POR SUA VEZ, BUSCA A OTIMIZAÇÃO DESSAS METODOLOGIAS AO ESTUDAR AS INTERAÇÕES CRÍTICAS DE ANÁLISE. SENDO ASSIM, AO SE PROPOR NOVAS METODOLOGIAS ESSE ESTUDO FAVORECE A OBTENÇÃO DE MÉTODOS MAIS ROBUSTOS, SELETIVOS E COM CAPACIDADE EXTRATIVA ADEQUADA À NECESSIDADE À APLICAÇÃO NO CONTROLE AMBIENTAL COMO DE PESTICIDAS.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Caroline Teixeira Lopes - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 8 / Número de orientações: 4

  • 2014 - Atual

    PROTIUM PILOSUM (TETRAGASTRIS PILOSA) DA FAMÍLIA BUCERACEA: MARCADORES COM POTENCIAL ATIVIDADE ANTIMALÁRIA E ANTILESHMANIA, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09186 Tipo de Cadastro: 20 - PROJETOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: DISSERTAÇÃO DE MESTRADO Classificação: Aplicada Término Previsto: 16/08/2016 Resumo do Projeto OS NÍVEIS DE PESSOAS INFECTADAS POR DOENÇAS NEGLIGENCIADAS COMO MALÁRIA E LEISHMANIOSE SÃO ALARMANTES NO BRASIL. UM DOS FATORES É O CRESCIMENTO POPULACIONAL DESORDENADO, QUE ACARRETA NÃO SÓ PROBLEMAS SOCIOECONÔMICOS, MAS TAMBÉM AMBIENTAIS. ATRELADAS À ESTE, A FALTA DE SANEAMENTO BÁSICO SÃO FATORES QUE CONTRIBUEM PARA UM AMBIENTE PROPICIO AO CRESCIMENTO DOS VETORES DA DOENÇA, E DESTA FORMA, PARA O AUMENTO DO NÚMERO DE CASOS DE PESSOAS INFECTADAS. ATUALMENTE NÃO EXISTE VACINA CONTRA A MALÁRIA E A LEISHMANIOSE, E NEM TRATAMENTOS EFICAZES E ATÓXICOS. UMA ALTERNATIVA CORRIQUEIRA UTILIZADA POR COMUNIDADES NA REGIÃO AMAZÔNICA É O USO DO EXTRATO DE PLANTAS QUE COMBATEM OS SINTOMAS DA MALÁRIA E LEISHMANIOSE, UMAS DELAS É A P. PILOSUM, CONHECIDA POPULARMENTE COMO BREU BRANCO. ASSIM, BASEADO NO USO POPULAR DA P. PILOSUM, BUSCA-SE NESTE TRABALHO IDENTIFICAR EVIDÊNCIAS CIENTÍFICAS DA SUA EFICÁCIA, POR MEIO DO ESTUDO DE EXTRATOS OBTIDOS DO P. PILOSUM FRENTE AOS PROTOZOÁRIOS. A OBTENÇÃO DOS EXTRATOS SERÁ REALIZADA POR DIVERSOS MÉTODOS, TAIS COMO MACERAÇÃO, SOXHLET, ULTRA-SOM E CROMATOGRAFIA POR COLUNA DE FRACIONAMENTO. O EXTRATO QUE APRESENTAR MAIOR POTENCIAL EM TERMOS DE PRINCÍPIOS ATIVOS SERÁ AVALIADO POR CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ALTA EFICIÊNCIA. PRETENDE-SE COM ESTE TRABALHO AVANÇAR NO CONHECIMENTO DOS COMPONENTES DESTA PLANTA, VERIFICANDO A ATIVIDADE FRENTE AOS AGENTES ETIOLÓGICOS DA MALÁRIA E DA LEISHMANIOSE.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (2) Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Agerdânio Andrade De Souza - Integrante., Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 3

  • 2014 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE SISTEMA CROMATOGRÁFICO IÔNICO MINIATURIZADO COM PREPARO DE AMOSTRA AUTOMATIZADO E MÉTODO QUIMIOMÉTRICO PARA AVALIAÇÃO DA QUALIDADE DO CAFÉ POR ESPECTROSCOPIA NIR E UPLC®-MS/MS, Descrição: Cadastrado na PROPPG/UEL sob o número 09924 Tipo de Cadastro: 20 - PROJETOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TESE DE DOUTORADO Classificação: Aplicada Término Previsto: 23/02/2018 Área do CNPQ: QUIMICA Resumo do Projeto DESDE QUE FOI INTRODUZIDA NO INÍCIO DO SÉCULO XX, A CROMATOGRAFIA VEM SOFRENDO GRANDES AVANÇOS. PORÉM, A MINIATURIZAÇÃO DE SISTEMAS CROMATOGRÁFICOS, APESAR DE SER CONSIDERADA UM RAMO PROMISSOR, CONTINUA BASTANTE LENTA. ESTA AINDA NÃO ALCANÇOU AMPLA DIFUSÃO, SENDO QUE O NÚMERO DE GRUPOS DE PESQUISA QUE DESENVOLVEM TRABALHOS NESSA ÁREA É BASTANTE RESTRITO. UM DOS LIMITANTES DESSE AVANÇO ESTÁ NA DIFICULDADE DE SE DESENVOLVER EQUIPAMENTOS ADEQUADOS, TÉCNICAS DE PREPARO DE AMOSTRAS, COLUNAS APROPRIADAS E SISTEMAS DE AQUISIÇÃO DE DADOS PASSÍVEIS DE APLICAÇÃO EM SISTEMAS MINIATURIZADOS. APESAR DE MUITOS DESSES PROBLEMAS POSSUÍREM RELATIVA FACILIDADE DE RESOLUÇÃO, AINDA NÃO SE DISPÕE DE EQUIPAMENTOS COMERCIALMENTE DISPONÍVEIS QUE SUPRAM AS CONDIÇÕES IMPOSTAS POR SISTEMAS MINIATURIZADOS EM SUA TOTALIDADE. ESTA DEMANDA PRECISA SER SUPRIDA PARA QUE SE POSSA USUFRUIR DE VANTAGENS COMO: MENOR CONSUMO DE SOLVENTES, UTILIZAÇÃO DE PEQUENOS VOLUMES DE AMOSTRA E, AUMENTO DE SENSIBILIDADE, INTRÍNSECOS À MINIATURIZAÇÃO DA CROMATOGRAFIA LÍQUIDA, REPRESENTANDO REDUÇÃO NO TRATAMENTO DOS RESÍDUOS, APELO IMPOSTO PELA QUÍMICA VERDE. SEGUINDO A MESMA LINHA, MÉTODOS QUE GEREM MENORES PASSÍVEIS AMBIENTAIS PRECISAM SER DESENVOLVIDOS. DURANTE AS DUAS ÚLTIMAS DÉCADAS AS ANÁLISES ESPECTRAIS POR INFRAVERMELHO PRÓXIMO (NIR), TEM SE DESTACADO COMO FERRAMENTA ANALÍTICA CONFIÁVEL E PROMISSORA PARA A AVALIAÇÃO DE ATRIBUTOS DE QUALIDADE. ESSA TÉCNICA, CONJUGADA COM FERRAMENTAS QUIMIOMÉTRICAS, APRESENTAM POTENCIAL NA OBTENÇÃO DE FORMA RÁPIDA DA COMPOSIÇÃO QUÍMICA E PROPRIEDADES RELACIONADAS Á DIVERSAS MATRIZES ALIMENTARES. PELO FATO DO CAFÉ SER A SEGUNDA COMMODITY DE MAISALTO VALOR ECONÔMICO, COSTUMA SOFRER ADULTERAÇÃO, COM ADIÇÃO DE DIVERSOS GRÃOS OU MATERIAIS DE MAIS BAIXO CUSTO, DEPENDENDO DA DISPONIBILIDADE E/OU COTAÇÃO DESTES NO MERCADO. ENTRETANTO, HÁ CARÊNCIA DE MÉTODOS ANALÍTICOS NÃO DESTRUTÍVEIS, CAPAZES DE SUPRIR A DEMANDA DE MERCADO FORNECENDO RESULTADOS RÁPIDOS E CONFIÁVEIS, PARA A VERIFICAÇÃO DA SUA QUALIDADE. VISANDO A RESOLUÇÃO DOS PROBLEMAS EXPOSTOS, ESTE ESTUDO OBJETIVA O DESENVOLVIMENTO INSTRUMENTAL DE UM SISTEMA CROMATOGRÁFICO IÔNICO MINIATURIZADO COM MÓDULO DE EXTRAÇÃO E PREPARO DE AMOSTRAS AUTOMATIZADO, DE UM MÉTODO PARA O ESTUDO DE ADULTERAÇÕES EM CAFÉ EMPREGANDO ESPECTROSCOPIA NIR E QUIMIOMETRIA E, DE UM MÉTODO PARA DISTINÇÃO ENTRE CAFÉ ROBUSTA E ARÁBICA UTILIZANDO CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ULTRA ALTA PERFORMANCE ACOPLADA A DETECTOR DE MASSAS (UPLC®-MS/MS).. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Maria de Almeida Silva - Integrante., Financiador(es): Companhia Cacique de Café Solúvel - Cooperação / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa., Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 6

  • 2016 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE METODOLOGIA RÁPIDA PARA DETECÇÃO DE FORMOL NO LEITE, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Vanerli Beloti em 13/05/2016., Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 10191 Tipo de Cadastro: 18 - PROJETOS CEPE / UEL - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: INOVAÇÃO TECNOLÓGICA Classificação: Aplicada Processo: / Relatório: Término Previsto: 27/04/2017 Área do CNPQ: MEDICINA VETERINARIA Resumo do Projeto A QUALIDADE DO LEITE CONSUMIDO É UMA CONSTANTE PREOCUPAÇÃO DOS TÉCNICOS E AUTORIDADES LIGADOS À ÁREA DE SAÚDE E LATICÍNIOS BEM COMO DOS CONSUMIDORES. UM DOS PROBLEMAS MAIS GRAVES SÃO AS DIVERSAS FRAUDES QUE CAUSAM PREJUÍZOS ECONÔMICOS, RISCOS À SAÚDE DOS CONSUMIDORES E PROBLEMAS TECNOLÓGICOS PARA AS INDÚSTRIAS. O LEITE É UM DOS ALIMENTOS QUE MAIS COMUMENTE SOFRE ADULTERAÇÕES E O CONSIDERA-SE FRAUDADO QUANDO OCORRE O DESNATE ANTES DE SEU PROCESSAMENTO OU QUANDO SÃO ADICIONADAS SUBSTÂNCIAS PROIBIDAS PELA LEGISLAÇÃO OU DE QUAISQUER ELEMENTOS ESTRANHOS A SUA COMPOSIÇÃO. AS FRAUDES NO LEITE TÊM COMO OBJETIVOS PRINCIPAIS AUMENTAR O VOLUME E CONTROLAR AS ALTERAÇÕES PROVOCADAS PELOS MICRORGANISMOS. A ADIÇÃO DE CONSERVANTES É UMA FRAUDE RELACIONADA À CONTAMINAÇÃO DO LEITE. SÃO UTILIZADAS DIVERSAS SUBSTÂNCIAS PARA ESTE FIM, E DENTRE ELAS, O FORMALDEÍDO, TENDO COMO OBJETIVO PRINCIPAL A REDUÇÃO OU ELIMINAÇÃO DE MICRORGANISMOS PRESENTES NO LEITE, PREVENINDO AS ALTERAÇÕES DECORRENTES DE SUA MULTIPLICAÇÃO. O FORMOL É CONSIDERADO ALTAMENTE TÓXICO AO SER INGERIDO, INALADO OU EM CONTATO COM A PELE, POR VIA INTRAVENOSA, INTRAPERITONEAL OU SUBCUTÂNEA, POIS PROMOVE MUTAÇÃO EM CÉLULAS SADIAS TRANSFORMANDO-AS EM CÉLULAS CARCINOGÊNICAS. POR ESTE MOTIVO, ESTA SUBSTÂNCIA FOI PROIBIDA DE SER USADA EM VÁRIOS SETORES, COMO O DE BELEZA, COSMÉTICO E ALIMENTÍCIO. E, NOS SETORES EM QUE É AINDA UTILIZADA, EXISTE UM LIMITE LEGAL DE EXPOSIÇÃO DO FORMOL AO HOMEM, O QUAL SE NÃO OBEDECIDO PODE LEVAR A EFEITOS PREJUDICIAIS À SAÚDE, ALÉM DE MULTAS ÀS EMPRESAS. ATUALMENTE, A ANÁLISE DE FORMOL EM LEITE ENCONTRA-SE ESPECIFICADA NA INSTRUÇÃO NORMATIVA N° 68/2006, NO TÓPICO MÉTODOS ANALÍTICOS FÍSICO-QUÍMICOS OFICIAIS PARA LEITE E PRODUTOS LÁCTEOS. A PROVA EXIGE A DESTILAÇÃO DO LEITE, É DEMORADA E LABORIOSA, O QUE DIFICULTA SUA EXECUÇÃO NA RECEPÇÃO DO LEITE, DE FORMA QUE EVITE SUA ENTRADA NA INDÚSTRIA. A NORMA CLASSIFICA O MÉTODO COMO QUALITATIVO, INDICANDO SE HÁ OU NÃO A PRESENÇA DO CONSERVANTE NO PRODUTO. RECENTEMENTE, NAS OPERAÇÕES LEITE COMPENSADO, O FARMACÊUTICO FABIANO BARRETO, UM DOS SUPERVISORES TÉCNICOS DO LABORATÓRIO NACIONAL AGROPECUÁRIO NO RIO GRANDE DO SUL, AFIRMOU QUE UTILIZANDO ESTE MÉTODO OFICIAL EM 60 AMOSTRAS DE LEITE, DEMOROU CERCA DE 15 DIAS PARA AVALIAR A PRESENÇA OU NÃO DE FORMOL, OU SEJA, APROXIMADAMENTE 4 AMOSTRAS/DIA. ASSIM, A INDÚSTRIA DE LATICÍNIOS TEM A NECESSIDADE DE PROVAS QUE PERMITAM A DETECÇÃO DE RESÍDUOS DE FORMOL COM MAIOR AGILIDADE E BAIXO CUSTO, PERMITINDO O RASTREAMENTO DE TODO O LEITE RECEBIDO PELA INDÚSTRIA.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (3) Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / Vanerli Beloti - Coordenador / Lycio Shinji Watanabe - Integrante / Yuri Renan Bovolenta - Integrante / NATALIA GONZAGA - Integrante / RONALDO TAMANINI - Integrante / JULIANA MAREZE - Integrante., Financiador(es): LONDRILAB COMERCIO DE PRODUTOS MICROBIOLOGICOS LTDA - EPP - Cooperação., Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 1

  • 2015 - Atual

    DESENVOLVIMENTO E VALIDAÇÃO DE MÉTODOS PARA DETERMINAÇÃO DE ESOMETRAZOL EM MATÉRIA-PRIMA E FORMAS FARMACÊUTICAS, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09612 Tipo de Cadastro: 18 - PROJETOS CEPE / UEL - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TRABALHO CIENTÍFICO Classificação: Aplicada Término Previsto: 08/07/2018 Área do CNPQ: QUIMICA Desenvolvimento do Projeto Data Situação Motivo 09/07/2015 EM EXECUÇÃO Resumo do Projeto O REFLUXO GASTRESOFÁGICO (DRGE) É UMA DOENÇA CRÔNICA DE PREVALÊNCIA NA POPULAÇÃO ADULTA DO MUNDO OCIDENTAL (10-20%) PRODUZINDO IMPACTO SOCIOECONÔMICO SIGNIFICATIVO. O ESOMEPRAZOL É O MEDICAMENTO CONSIDERADO EFICAZ PARA TRATAR O DRGE, POR INIBIR A ENZIMA K+ATPASE DA BOMBA DE PRÓTONS, BLOQUEANDO A ETAPA FINAL DA SECREÇÃO ÁCIDA GÁSTRICA. EMBORA, COMERCIALIZADO COMO MEDICAMENTO REFERÊNCIA E GENÉRICO, ATÉ O MOMENTO, CONSTATA-SE AUSÊNCIA DE MONOGRAFIA DESCREVENDO MÉTODO PARA O CONTROLE DE QUALIDADE NA FARMACOPEIA BRASILEIRA. A VALIDAÇÃO DE UM MÉTODO VISA ASSEGURAR A CONFIABILIDADE DOS RESULTADOS ANALÍTICOS, SENDO OS PARÂMETROS NORMALMENTE DETERMINADOS: SELETIVIDADE; LINEARIDADE; PRECISÃO; EXATIDÃO; FAIXA LINEAR; ROBUSTEZ; LIMITE DE DETECÇÃO E LIMITE DE QUANTIFICAÇÃO. NESTE TRABALHO, SERÃO DESENVOLVIDOS E VALIDADOS MÉTODOS EMPREGANDO A CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ALTA EFICIÊNCIA (HPLC) E ESPECTROFOTOMETRIA ULTRAVIOLETA (UV), COM AUTOMAÇÃO POR ANÁLISE DE INJEÇÃO EM FLUXO (FIA), VISANDO DETERMINAR O TEOR DE ESOMETRAZOL EM MATÉRIA-PRIMA E COMPRIMIDOS. PRETENDE-SE CONTRIBUIR PARA O CONTROLE DE QUALIDADE DO MEDICAMENTO, GARANTINDO A EFICÁCIA DO TRATAMENTO E COLABORANDO COM A QUALIDADE DE VIDA DE PORTADORES DE DOENÇA DO REFLUXO GASTRESOFÁGICO.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / Mirela Fulgencio Rabito - Integrante / Marlene Maria Fregonezi Nery - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Alan Carlos Correa - Integrante / Jessica Vertuan Rufino - Integrante / Fernando Cesar Queiroz da Silva - Integrante / Felipe Braga Trombeta - Integrante / Lúcio César de Almeida - Integrante., Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 3

  • 2015 - Atual

    AVALIAÇÃO E ESTABELECIMENTO DE PADRÃO OFICIAL BRASILEIRO DA IDENTIDADE E QUALIDADE DO CAFÉ TORRADO E MOÍDO COMERCIAL, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09632 Tipo de Cadastro: 16 - PROJETOS INTEGRADOS - PES/EXT/ENS Tipo de Pesquisa: TRABALHO CIENTÍFICO Classificação: Aplicada Término Previsto: 08/07/2017 Área do CNPQ: QUIMICA Resumo do Projeto O CAFÉ É A 2ª COMMODITY MAIS COMERCIALIZADA DO MUNDO. O BRASIL POR SUA VEZ, FIGURA COMO O MAIOR PRODUTOR E EXPORTADOR MUNDIAL, E É O 2º MAIOR CONSUMIDOR. APESAR DE SUA RELEVÂNCIA, O DEPARTAMENTO DE INSPEÇÃO DE PRODUTOS DE ORIGEM VEGETAL (DIPOV), ÓRGÃO REGULADOR E FISCALIZADOR DA SECRETARIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA DO MINISTÉRIO DA AGRICULTURA (MAPA), NÃO POSSUI QUALQUERREGULAMENTO TÉCNICO QUE ESTABELEÇA UM PADRÃO OFICIAL DE IDENTIDADE E QUALIDADE PARA O CAFÉ TORRADO E MOÍDO. POR ISSO, FREQUENTEMENTE NAS 2.400 MARCAS COMERCIALIZADAS NO MERCADO INTERNO, ENCONTRAM-SE MISTURADOS MATERIAIS DE MAIS BAIXO CUSTO/QUALIDADE. DENTRE AS ADIÇÕES MAIS COMUNS ESTÃO: CAFÉ DE MENOR PREÇO - CONILON OU ROBUSTA; CAFÉS DE MENOR QUALIDADE ? ESCOLHA COM GRÃOS DEFEITUOSOS COMO: VERDE, PRETO E ARDIDO; ADULTERANTES, TAIS COMO: MILHO, TRIGO, TRIGUILHO, SOJA, TRITICALE, AÇÚCAR MASCAVO, SEMENTES DE AÇAÍ, CEVADA; E IMPUREZAS COMO: CASCAS, PAUS E TORRÕES DE TERRA. PORTANTO, ESTE PROJETO OBJETIVA MAPEAR A QUALIDADE DO CAFÉ TORRADO E MOÍDO COMERCIALIZADO NO PARANÁ EM 2015, E ESTABELECER UM PADRÃO DE IDENTIDADE E QUALIDADE PARA O BRASIL. PARA ISSO, SERÃO EFETUADAS ANÁLISES SENSORIAIS E DE CARBOIDRATOS, VISANDO VERIFICAR A ADIÇÃO DE ADULTERANTES E IMPUREZAS, BEM COMO, AVERIGUAR A POSSIBILIDADE, DE PELO TEOR DE CAFEÍNA ESTABELECER A PROPORÇÃO DE CAFÉ CONILON MISTURADO AO ARÁBICA, EMPREGANDO A CROMATOGRAFIA A LÍQUIDO DE ALTA EFICIÊNCIA (HPLC). ESPERA-SE DESTA FORMA, ENCONTRAR MARCADORES EFICAZES, E COM O USO DE ANÁLISES QUIMIOMÉTRICAS MULTIVARIADAS CONHECER A INFLUÊNCIA DAS ADIÇÕES, CONTRIBUINDO PARA O ESTABELECIMENTO DESTE PERFIL DE QUALIDADE. ESPERA-SE AINDA, POSSIBILITAR A IMPLEMENTAÇÃO DE INSTRUÇÃO NORMATIVA PARA QUE REGULAMENTE O SETOR, TORNANDO A FISCALIZAÇÃO MAIS EFETIVA POR PARTE DOS ÓRGÃOS FISCALIZADORES, MELHORANDO A QUALIDADE DOS PRODUTOS COMERCIALIZADOS, PELA COIBIÇÃO DE FRAUDES, ASSIM COMO, GARANTINDO AO CONSUMIDOR O ACESSO A INFORMAÇÕES SOBRE OS PRODUTOS POR ELE CONSUMIDOS.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (7) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Joao Pereira dos Santos - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Maria de Almeida Silva - Integrante / Giselle Lopes Silva - Integrante / Thais Tiemi Nakahara - Integrante / Caroline Teixeira Lopes - Integrante / Mayara Portieri Alves da Silva - Integrante / ELTON MASSAROLLO - Integrante / DENIS NESTOR DA SILVA - Integrante / FRANCISCO BARBOSA LIMA - Integrante / JOSE LUCAS REZENDE DE PAULA - Integrante / ANDREA ELOISA DA SILVA REIS - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa., Número de produções C, T & A: 8 / Número de orientações: 8

  • 2015 - Atual

    CELULOSE BACTERIANA: PRODUÇÃO E APLICAÇÕES BIOMÉDICAS, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 10160 Tipo de Cadastro: 17 - ÓRGÃOS EXTERNOS DE FOMENTO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TRABALHO CIENTÍFICO Classificação: Básica Término Previsto: 16/12/2018 Área do CNPQ: CIENCIA E TECNOLOGIA DE ALIMENTOS 17/12/2015 EM EXECUÇÃO Resumo do Projeto O PROJETO É PARTE INTEGRANTE DE UM MACROPROJETO INICIADO NO ANO DE 2013, PRODUÇÃO DE FERMENTADO ACÉTICO A PARTIR DO MELAÇO DE SOJA, MESTRADO DO ALUNO ORIENTADO E COORIENTADO PELAS PROFAS DO DCTA/CCA/UEL. O OBJETIVO ERA AVALIAR A UTILIZAÇÃO DO MELAÇO DE SOJA PARA A PRODUÇÃO DE FERMENTADO ACÉTICO, PELO PROCESSO SUBMERSO. FOI ESTUDADO O RENDIMENTO DA FERMENTAÇÃO ALCOÓLICA, EM CONCENTRAÇÕES INICIAS DE MELAÇO DE SOJA DE 20, 25 E 30 ºBRIX, EM CONDIÇÃO ESTÁTICA OU SOB AGITAÇÃO. A MÁXIMA PRODUÇÃO DE ETANOL FOI DE 47,56 G/L PARA A FERMENTAÇÃO SOB AGITAÇÃO. A PARTIR DO FERMENTADO ALCOÓLICO DE MELAÇO DE SOJA, FOI PRODUZIDO O FERMENTADO ACÉTICO E ACOMPANHADO OITO CICLOS FERMENTATIVOS. A ACIDEZ MÉDIA DOS FERMENTADOS FOI DE 50,70 G/L COM RENDIMENTO EM ÁCIDO ACÉTICO (YAA), RENDIMENTO EM CONCENTRAÇÃO TOTAL (YCT) E PRODUTIVIDADE MÉDIA (PAA) DE 65,02, 92,76% E 0,033G/L/H, RESPECTIVAMENTE. OBSERVOU-SE A FORMAÇÃO DE UM ESPESSO POLÍMERO (CELULOSE BACTERIANA). A 2a ETAPA DO ESTUDO VISA À PRODUÇÃO CONSORCIADA DE ÁCIDO ACÉTICO E CELULOSE, POR BACTÉRIAS ACÉTICAS, A PARTIR DE MELAÇO DE SOJA PARA EXECUÇÃO EXPERIMENTAL E OBTENÇÃO DO TÍTULO DE MESTRE DO ALUNO RODRIGO JOSÉ GOMES. A PROPOSTA CENTRA-SE EM ESTUDAR E OTIMIZAR A PRODUÇÃO CONCOMITANTE, DE ÁCIDO ACÉTICO E DA CELULOSE, POR BACTÉRIAS ACÉTICAS, AVALIANDO O MÉTODO LENTO DE PRODUÇÃO DE VINAGRE, A PARTIR DO MELAÇO DE SOJA. INVESTIGAR O EFEITO DAS VARIÁVEIS TEMPERATURA E RELAÇÃO ENZIMA/SUBSTRATO NA OTIMIZAÇÃO DA HIDRÓLISE ENZIMÁTICA DO MELAÇO PARA POSTERIOR FERMENTAÇÃO ALCOÓLICA E ACÉTICA. IDENTIFICAR E CARACTERIZAR MOLECULARMENTE AS CEPAS BACTERIANAS ISOLADAS, RESPONSÁVEIS PELA BIOCONVERSÃO E COM MAIORES POTENCIAIS DE PRODUÇÃO DO POLÍMERO, ATRAVÉS DA AMPLIFICAÇÃO DE REGIÃO DO DNA RIBOSSOMAL, SEGUIDO DE SEQUENCIAMENTO. CARACTERIZAR A COMPOSIÇÃO DE ÁCIDOS VOLÁTEIS NO FERMENTADO, POR CROMATOGRAFIA E ESPECTROMETRIA DE MASSAS E POR RESSONÂNCIA MAGNÉTICA NUCLEAR. CARACTERIZAR A CELULOSE POR ESPECTROSCOPIA DE INFRAVERMELHO, MICROSCOPIA ELETRÔNICA DE VARREDURA, MICROSCOPIA DE FORÇA ATÔMICA, DIFRATOMETRIA DE RAIO X E RESSONÂNCIA MAGNÉTICA NUCLEAR. COMPARAR ESTE ESTUDO COM OUTROS DESENVOLVIDOS QUE ENVOLVAM OS MECANISMOS DE SÍNTESE DO BIOPOLÍMERO E OS ASPECTOS RELACIONADOS COM SUA ESTRUTURA E PROPRIEDADES. ESTA PRODUÇÃO SIMULTÂNEA PODE VIABILIZAR ECONOMICAMENTE A PRODUÇÃO DE CELULOSE, UMA VEZ QUE OS RENDIMENTOS AINDA SÃO CONSIDERADOS BAIXOS E TAMBÉM AGREGAR VALOR À INDÚSTRIA PRODUTORA DE FERMENTADOS ACÉTICOS. O MESMO FAZ PARTE COMO PLANO DE AÇÃO (PA3), DO MACROPROGRAMA 2, INTITULADO CELULOSE BACTERIANA: PRODUÇÃO E APLICAÇÕES BIOMÉDICAS, DA LINHA NANOTECNOLOGIA NO AGRONEGÓCIO: NOVAS FRONTEIRAS CONTEXTUALIZADAS ÀS NECESSIDADES, DA EMBRAPA. SÃO PARTICIPANTES AS UNIDADES DA EMBRAPA, CNPAT, CTAA E CNPSO, QUATRO UNIVERSIDADES (UFC, UFF, UNICAMP, UEL) E INMETRO. O PA3 DA UEL, SERÁ O RESPONSÁVEL PELAS ATIVIDADES RELACIONADAS À PRODUÇÃO DE CB DE MELAÇO DE SOJA, UTILIZANDO ROTA ACÉTICA, POR MEIO DE ESPÉCIES DO GÊNERO GLUCONOBACTER SP. AS ATIVIDADES DO GRUPO DO DCTA SÃO OBTENÇÃO DA MATÉRIA-PRIMA JUNTO ÀS INDÚSTRIAS PRODUTORAS, REMESSA DO MATERIAL PARA OS PARTICIPANTES DO GRUPO, CARACTERIZAÇÃO QUÍMICA DA MATÉRIA PRIMA, COLETA, ISOLAMENTO E SELEÇÃO DOS MICRORGANISMOS DE UNIDADES PRODUTORAS DE VINAGRE, BEM COMO O ESTUDO DO PROCESSO FERMENTATIVO. IDENTIFICAÇÃO E CARACTERIZAÇÃO DE CEPAS ISOLADAS SERÁ EXECUTADA NO DEPARTAMENTO DE BIOLOGIA E GENÉTICA CARACTERIZAÇÕES DA CB E DOS FERMENTADOS ACÉTICOS SERÃO EXECUTADOS NOS LABORATÓRIOS DO DEPARTAMENTO DE BIOQUÍMICA. O PA3 É FINANCIADO COM RECURSOS DA EMBRAPA, NO VALOR DE R$ 90.325,00. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (4) / Doutorado: (5) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / Elza Iouko Ida - Integrante / Wilma Aparecida Spinosa - Coordenador / JOSE MARCOS GONTIJO MANDARINO - Integrante / CESAR AUGUSTO TISCHER - Integrante / DIEGO GALVAN - Integrante / FERNANDA GARCIA DE ALMEIDA - Integrante / FERNANDA SILVA FARINAZZO - Integrante / GEOVANA PIVETA RIBEIRO - Integrante / LAURIVAL ANTONIO VILAS BOAS - Integrante / MARIANA ASSIS DE QUEIROZ C.. - Integrante / RODRIGO JOSÉ GOMES - Integrante / TAMARA MACIEL MACHADO - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2014 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE SISTEMA CROMATOGRÁFICO IÔNICO MINIATURIZADO COM PREPARO DE AMOSTRA AUTOMATIZADO E MÉTODO QUIMIOMÉTRICO PARA AVALIAÇÃO DA QUALIDADE DO CAFÉ POR ESPECTROSCOPIA NIR E UPLC®-MS/MS, Descrição: Cadastrado na PROPPG/UEL sob o número 09924 Tipo de Cadastro: 20 - PROJETOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TESE DE DOUTORADO Classificação: Aplicada Término Previsto: 23/02/2018 Área do CNPQ: QUIMICA Resumo do Projeto DESDE QUE FOI INTRODUZIDA NO INÍCIO DO SÉCULO XX, A CROMATOGRAFIA VEM SOFRENDO GRANDES AVANÇOS. PORÉM, A MINIATURIZAÇÃO DE SISTEMAS CROMATOGRÁFICOS, APESAR DE SER CONSIDERADA UM RAMO PROMISSOR, CONTINUA BASTANTE LENTA. ESTA AINDA NÃO ALCANÇOU AMPLA DIFUSÃO, SENDO QUE O NÚMERO DE GRUPOS DE PESQUISA QUE DESENVOLVEM TRABALHOS NESSA ÁREA É BASTANTE RESTRITO. UM DOS LIMITANTES DESSE AVANÇO ESTÁ NA DIFICULDADE DE SE DESENVOLVER EQUIPAMENTOS ADEQUADOS, TÉCNICAS DE PREPARO DE AMOSTRAS, COLUNAS APROPRIADAS E SISTEMAS DE AQUISIÇÃO DE DADOS PASSÍVEIS DE APLICAÇÃO EM SISTEMAS MINIATURIZADOS. APESAR DE MUITOS DESSES PROBLEMAS POSSUÍREM RELATIVA FACILIDADE DE RESOLUÇÃO, AINDA NÃO SE DISPÕE DE EQUIPAMENTOS COMERCIALMENTE DISPONÍVEIS QUE SUPRAM AS CONDIÇÕES IMPOSTAS POR SISTEMAS MINIATURIZADOS EM SUA TOTALIDADE. ESTA DEMANDA PRECISA SER SUPRIDA PARA QUE SE POSSA USUFRUIR DE VANTAGENS COMO: MENOR CONSUMO DE SOLVENTES, UTILIZAÇÃO DE PEQUENOS VOLUMES DE AMOSTRA E, AUMENTO DE SENSIBILIDADE, INTRÍNSECOS À MINIATURIZAÇÃO DA CROMATOGRAFIA LÍQUIDA, REPRESENTANDO REDUÇÃO NO TRATAMENTO DOS RESÍDUOS, APELO IMPOSTO PELA QUÍMICA VERDE. SEGUINDO A MESMA LINHA, MÉTODOS QUE GEREM MENORES PASSÍVEIS AMBIENTAIS PRECISAM SER DESENVOLVIDOS. DURANTE AS DUAS ÚLTIMAS DÉCADAS AS ANÁLISES ESPECTRAIS POR INFRAVERMELHO PRÓXIMO (NIR), TEM SE DESTACADO COMO FERRAMENTA ANALÍTICA CONFIÁVEL E PROMISSORA PARA A AVALIAÇÃO DE ATRIBUTOS DE QUALIDADE. ESSA TÉCNICA, CONJUGADA COM FERRAMENTAS QUIMIOMÉTRICAS, APRESENTAM POTENCIAL NA OBTENÇÃO DE FORMA RÁPIDA DA COMPOSIÇÃO QUÍMICA E PROPRIEDADES RELACIONADAS Á DIVERSAS MATRIZES ALIMENTARES. PELO FATO DO CAFÉ SER A SEGUNDA COMMODITY DE MAISALTO VALOR ECONÔMICO, COSTUMA SOFRER ADULTERAÇÃO, COM ADIÇÃO DE DIVERSOS GRÃOS OU MATERIAIS DE MAIS BAIXO CUSTO, DEPENDENDO DA DISPONIBILIDADE E/OU COTAÇÃO DESTES NO MERCADO. ENTRETANTO, HÁ CARÊNCIA DE MÉTODOS ANALÍTICOS NÃO DESTRUTÍVEIS, CAPAZES DE SUPRIR A DEMANDA DE MERCADO FORNECENDO RESULTADOS RÁPIDOS E CONFIÁVEIS, PARA A VERIFICAÇÃO DA SUA QUALIDADE. VISANDO A RESOLUÇÃO DOS PROBLEMAS EXPOSTOS, ESTE ESTUDO OBJETIVA O DESENVOLVIMENTO INSTRUMENTAL DE UM SISTEMA CROMATOGRÁFICO IÔNICO MINIATURIZADO COM MÓDULO DE EXTRAÇÃO E PREPARO DE AMOSTRAS AUTOMATIZADO, DE UM MÉTODO PARA O ESTUDO DE ADULTERAÇÕES EM CAFÉ EMPREGANDO ESPECTROSCOPIA NIR E QUIMIOMETRIA E, DE UM MÉTODO PARA DISTINÇÃO ENTRE CAFÉ ROBUSTA E ARÁBICA UTILIZANDO CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ULTRA ALTA PERFORMANCE ACOPLADA A DETECTOR DE MASSAS (UPLC®-MS/MS).. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Maria de Almeida Silva - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Companhia Cacique de Café Solúvel - Cooperação., Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 6

  • 2014 - Atual

    TÉCNICAS EXTRATIVAS PARA ANÁLISE DE PESTICIDAS, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09923 Tipo de Cadastro: 20 - PROJETOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TESE DE DOUTORADO Classificação: Aplicada Término Previsto: 23/02/2018 Área do CNPQ: QUIMICA Resumo do Projeto COM O CRESCIMENTO CONTÍNUO DO AGRONEGÓCIO BRASILEIRO, O CONSUMO DE AGROTÓXICOS E A POLUIÇÃO, POR ESTE CAUSADA, TENDEM A SEGUIR A MESMA PROJEÇÃO DE CRESCIMENTO. SABE-SE QUE O CONTATO DIRETO OU INDIRETO COM ESTE TIPO DE PRODUTO TRAZ CONSEQUÊNCIAS Á LONGO PRAZO PARA A SAÚDE. SENDO ASSIM, UM CONTROLE AMBIENTAL RÍGIDO DEVE SER REALIZADO, OBJETIVANDO O USO DE ANÁLISES RÁPIDAS, DE FÁCIL EXECUÇÃO E COM MENOR GERAÇÃO DE RESÍDUOS. TÉCNICAS CONSAGRADAS COMO A EXTRAÇÃO LÍQUIDO-LÍQUIDO (LLE) VÊM PERDENDO ESPAÇO PARA AS QUE UTILIZAM MENOS SOLVENTES, COMO EXTRAÇÃO FASE SÓLIDA (SPE), E PARA OUTRAS QUE SEGUEM AS TENDÊNCIAS DE MINIATURIZAÇÃO E AUTOMAÇÃO ANALÍTICA. NESTE CONTEXTO DESTACA-SE A EXTRAÇÃO SORTIVA EM BARRA DE AGITAÇÃO MAGNÉTICA (SBSE) QUE UTILIZA UMA FASE POLIMÉRICA, PARA QUAL O ANALITO É TRANSFERIDO. O DESENVOLVIMENTO DE METODOLOGIAS EXTRATIVAS AINDA É UM DESAFIO, DEVIDO A GRANDE QUANTIDADE DE FATORES ANALÍTICOS CRÍTICOS E INTERFERENTES NAS MATRIZES AMOSTRAIS. O USO DE PLANEJAMENTOS EXPERIMENTAIS POR SUA VEZ, BUSCA A OTIMIZAÇÃO DESSAS METODOLOGIAS AO ESTUDAR AS INTERAÇÕES CRÍTICAS DE ANÁLISE. SENDO ASSIM, AO SE PROPOR NOVAS METODOLOGIAS ESSE ESTUDO FAVORECE A OBTENÇÃO DE MÉTODOS MAIS ROBUSTOS, SELETIVOS E COM CAPACIDADE EXTRATIVA ADEQUADA À NECESSIDADE À APLICAÇÃO NO CONTROLE AMBIENTAL COMO DE PESTICIDAS.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Caroline Teixeira Lopes - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 8 / Número de orientações: 4

  • 2014 - Atual

    PROTIUM PILOSUM (TETRAGASTRIS PILOSA) DA FAMÍLIA BUCERACEA: MARCADORES COM POTENCIAL ATIVIDADE ANTIMALÁRIA E ANTILESHMANIA, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09186 Tipo de Cadastro: 20 - PROJETOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: DISSERTAÇÃO DE MESTRADO Classificação: Aplicada Término Previsto: 16/08/2016 Resumo do Projeto OS NÍVEIS DE PESSOAS INFECTADAS POR DOENÇAS NEGLIGENCIADAS COMO MALÁRIA E LEISHMANIOSE SÃO ALARMANTES NO BRASIL. UM DOS FATORES É O CRESCIMENTO POPULACIONAL DESORDENADO, QUE ACARRETA NÃO SÓ PROBLEMAS SOCIOECONÔMICOS, MAS TAMBÉM AMBIENTAIS. ATRELADAS À ESTE, A FALTA DE SANEAMENTO BÁSICO SÃO FATORES QUE CONTRIBUEM PARA UM AMBIENTE PROPICIO AO CRESCIMENTO DOS VETORES DA DOENÇA, E DESTA FORMA, PARA O AUMENTO DO NÚMERO DE CASOS DE PESSOAS INFECTADAS. ATUALMENTE NÃO EXISTE VACINA CONTRA A MALÁRIA E A LEISHMANIOSE, E NEM TRATAMENTOS EFICAZES E ATÓXICOS. UMA ALTERNATIVA CORRIQUEIRA UTILIZADA POR COMUNIDADES NA REGIÃO AMAZÔNICA É O USO DO EXTRATO DE PLANTAS QUE COMBATEM OS SINTOMAS DA MALÁRIA E LEISHMANIOSE, UMAS DELAS É A P. PILOSUM, CONHECIDA POPULARMENTE COMO BREU BRANCO. ASSIM, BASEADO NO USO POPULAR DA P. PILOSUM, BUSCA-SE NESTE TRABALHO IDENTIFICAR EVIDÊNCIAS CIENTÍFICAS DA SUA EFICÁCIA, POR MEIO DO ESTUDO DE EXTRATOS OBTIDOS DO P. PILOSUM FRENTE AOS PROTOZOÁRIOS. A OBTENÇÃO DOS EXTRATOS SERÁ REALIZADA POR DIVERSOS MÉTODOS, TAIS COMO MACERAÇÃO, SOXHLET, ULTRA-SOM E CROMATOGRAFIA POR COLUNA DE FRACIONAMENTO. O EXTRATO QUE APRESENTAR MAIOR POTENCIAL EM TERMOS DE PRINCÍPIOS ATIVOS SERÁ AVALIADO POR CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ALTA EFICIÊNCIA. PRETENDE-SE COM ESTE TRABALHO AVANÇAR NO CONHECIMENTO DOS COMPONENTES DESTA PLANTA, VERIFICANDO A ATIVIDADE FRENTE AOS AGENTES ETIOLÓGICOS DA MALÁRIA E DA LEISHMANIOSE.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (2) Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Agerdânio Andrade De Souza - Integrante., Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 3

  • 2016 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE METODOLOGIA RÁPIDA PARA DETECÇÃO DE FORMOL NO LEITE, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Vanerli Beloti em 13/05/2016., Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 10191 Tipo de Cadastro: 18 - PROJETOS CEPE / UEL - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: INOVAÇÃO TECNOLÓGICA Classificação: Aplicada Processo: / Relatório: Término Previsto: 27/04/2017 Área do CNPQ: MEDICINA VETERINARIA Resumo do Projeto A QUALIDADE DO LEITE CONSUMIDO É UMA CONSTANTE PREOCUPAÇÃO DOS TÉCNICOS E AUTORIDADES LIGADOS À ÁREA DE SAÚDE E LATICÍNIOS BEM COMO DOS CONSUMIDORES. UM DOS PROBLEMAS MAIS GRAVES SÃO AS DIVERSAS FRAUDES QUE CAUSAM PREJUÍZOS ECONÔMICOS, RISCOS À SAÚDE DOS CONSUMIDORES E PROBLEMAS TECNOLÓGICOS PARA AS INDÚSTRIAS. O LEITE É UM DOS ALIMENTOS QUE MAIS COMUMENTE SOFRE ADULTERAÇÕES E O CONSIDERA-SE FRAUDADO QUANDO OCORRE O DESNATE ANTES DE SEU PROCESSAMENTO OU QUANDO SÃO ADICIONADAS SUBSTÂNCIAS PROIBIDAS PELA LEGISLAÇÃO OU DE QUAISQUER ELEMENTOS ESTRANHOS A SUA COMPOSIÇÃO. AS FRAUDES NO LEITE TÊM COMO OBJETIVOS PRINCIPAIS AUMENTAR O VOLUME E CONTROLAR AS ALTERAÇÕES PROVOCADAS PELOS MICRORGANISMOS. A ADIÇÃO DE CONSERVANTES É UMA FRAUDE RELACIONADA À CONTAMINAÇÃO DO LEITE. SÃO UTILIZADAS DIVERSAS SUBSTÂNCIAS PARA ESTE FIM, E DENTRE ELAS, O FORMALDEÍDO, TENDO COMO OBJETIVO PRINCIPAL A REDUÇÃO OU ELIMINAÇÃO DE MICRORGANISMOS PRESENTES NO LEITE, PREVENINDO AS ALTERAÇÕES DECORRENTES DE SUA MULTIPLICAÇÃO. O FORMOL É CONSIDERADO ALTAMENTE TÓXICO AO SER INGERIDO, INALADO OU EM CONTATO COM A PELE, POR VIA INTRAVENOSA, INTRAPERITONEAL OU SUBCUTÂNEA, POIS PROMOVE MUTAÇÃO EM CÉLULAS SADIAS TRANSFORMANDO-AS EM CÉLULAS CARCINOGÊNICAS. POR ESTE MOTIVO, ESTA SUBSTÂNCIA FOI PROIBIDA DE SER USADA EM VÁRIOS SETORES, COMO O DE BELEZA, COSMÉTICO E ALIMENTÍCIO. E, NOS SETORES EM QUE É AINDA UTILIZADA, EXISTE UM LIMITE LEGAL DE EXPOSIÇÃO DO FORMOL AO HOMEM, O QUAL SE NÃO OBEDECIDO PODE LEVAR A EFEITOS PREJUDICIAIS À SAÚDE, ALÉM DE MULTAS ÀS EMPRESAS. ATUALMENTE, A ANÁLISE DE FORMOL EM LEITE ENCONTRA-SE ESPECIFICADA NA INSTRUÇÃO NORMATIVA N° 68/2006, NO TÓPICO MÉTODOS ANALÍTICOS FÍSICO-QUÍMICOS OFICIAIS PARA LEITE E PRODUTOS LÁCTEOS. A PROVA EXIGE A DESTILAÇÃO DO LEITE, É DEMORADA E LABORIOSA, O QUE DIFICULTA SUA EXECUÇÃO NA RECEPÇÃO DO LEITE, DE FORMA QUE EVITE SUA ENTRADA NA INDÚSTRIA. A NORMA CLASSIFICA O MÉTODO COMO QUALITATIVO, INDICANDO SE HÁ OU NÃO A PRESENÇA DO CONSERVANTE NO PRODUTO. RECENTEMENTE, NAS OPERAÇÕES LEITE COMPENSADO, O FARMACÊUTICO FABIANO BARRETO, UM DOS SUPERVISORES TÉCNICOS DO LABORATÓRIO NACIONAL AGROPECUÁRIO NO RIO GRANDE DO SUL, AFIRMOU QUE UTILIZANDO ESTE MÉTODO OFICIAL EM 60 AMOSTRAS DE LEITE, DEMOROU CERCA DE 15 DIAS PARA AVALIAR A PRESENÇA OU NÃO DE FORMOL, OU SEJA, APROXIMADAMENTE 4 AMOSTRAS/DIA. ASSIM, A INDÚSTRIA DE LATICÍNIOS TEM A NECESSIDADE DE PROVAS QUE PERMITAM A DETECÇÃO DE RESÍDUOS DE FORMOL COM MAIOR AGILIDADE E BAIXO CUSTO, PERMITINDO O RASTREAMENTO DE TODO O LEITE RECEBIDO PELA INDÚSTRIA.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (3) Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / Vanerli Beloti - Coordenador / Lycio Shinji Watanabe - Integrante / Yuri Renan Bovolenta - Integrante / NATALIA GONZAGA - Integrante / RONALDO TAMANINI - Integrante / JULIANA MAREZE - Integrante., Financiador(es): LONDRILAB COMERCIO DE PRODUTOS MICROBIOLOGICOS LTDA - EPP - Cooperação., Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 1

  • 2015 - Atual

    AVALIAÇÃO E ESTABELECIMENTO DE PADRÃO OFICIAL BRASILEIRO DA IDENTIDADE E QUALIDADE DO CAFÉ TORRADO E MOÍDO COMERCIAL, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09632 Tipo de Cadastro: 16 - PROJETOS INTEGRADOS - PES/EXT/ENS Tipo de Pesquisa: TRABALHO CIENTÍFICO Classificação: Aplicada Término Previsto: 08/07/2017 Área do CNPQ: QUIMICA Resumo do Projeto O CAFÉ É A 2ª COMMODITY MAIS COMERCIALIZADA DO MUNDO. O BRASIL POR SUA VEZ, FIGURA COMO O MAIOR PRODUTOR E EXPORTADOR MUNDIAL, E É O 2º MAIOR CONSUMIDOR. APESAR DE SUA RELEVÂNCIA, O DEPARTAMENTO DE INSPEÇÃO DE PRODUTOS DE ORIGEM VEGETAL (DIPOV), ÓRGÃO REGULADOR E FISCALIZADOR DA SECRETARIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA DO MINISTÉRIO DA AGRICULTURA (MAPA), NÃO POSSUI QUALQUERREGULAMENTO TÉCNICO QUE ESTABELEÇA UM PADRÃO OFICIAL DE IDENTIDADE E QUALIDADE PARA O CAFÉ TORRADO E MOÍDO. POR ISSO, FREQUENTEMENTE NAS 2.400 MARCAS COMERCIALIZADAS NO MERCADO INTERNO, ENCONTRAM-SE MISTURADOS MATERIAIS DE MAIS BAIXO CUSTO/QUALIDADE. DENTRE AS ADIÇÕES MAIS COMUNS ESTÃO: CAFÉ DE MENOR PREÇO - CONILON OU ROBUSTA; CAFÉS DE MENOR QUALIDADE ? ESCOLHA COM GRÃOS DEFEITUOSOS COMO: VERDE, PRETO E ARDIDO; ADULTERANTES, TAIS COMO: MILHO, TRIGO, TRIGUILHO, SOJA, TRITICALE, AÇÚCAR MASCAVO, SEMENTES DE AÇAÍ, CEVADA; E IMPUREZAS COMO: CASCAS, PAUS E TORRÕES DE TERRA. PORTANTO, ESTE PROJETO OBJETIVA MAPEAR A QUALIDADE DO CAFÉ TORRADO E MOÍDO COMERCIALIZADO NO PARANÁ EM 2015, E ESTABELECER UM PADRÃO DE IDENTIDADE E QUALIDADE PARA O BRASIL. PARA ISSO, SERÃO EFETUADAS ANÁLISES SENSORIAIS E DE CARBOIDRATOS, VISANDO VERIFICAR A ADIÇÃO DE ADULTERANTES E IMPUREZAS, BEM COMO, AVERIGUAR A POSSIBILIDADE, DE PELO TEOR DE CAFEÍNA ESTABELECER A PROPORÇÃO DE CAFÉ CONILON MISTURADO AO ARÁBICA, EMPREGANDO A CROMATOGRAFIA A LÍQUIDO DE ALTA EFICIÊNCIA (HPLC). ESPERA-SE DESTA FORMA, ENCONTRAR MARCADORES EFICAZES, E COM O USO DE ANÁLISES QUIMIOMÉTRICAS MULTIVARIADAS CONHECER A INFLUÊNCIA DAS ADIÇÕES, CONTRIBUINDO PARA O ESTABELECIMENTO DESTE PERFIL DE QUALIDADE. ESPERA-SE AINDA, POSSIBILITAR A IMPLEMENTAÇÃO DE INSTRUÇÃO NORMATIVA PARA QUE REGULAMENTE O SETOR, TORNANDO A FISCALIZAÇÃO MAIS EFETIVA POR PARTE DOS ÓRGÃOS FISCALIZADORES, MELHORANDO A QUALIDADE DOS PRODUTOS COMERCIALIZADOS, PELA COIBIÇÃO DE FRAUDES, ASSIM COMO, GARANTINDO AO CONSUMIDOR O ACESSO A INFORMAÇÕES SOBRE OS PRODUTOS POR ELE CONSUMIDOS.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (7) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Joao Pereira dos Santos - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Maria de Almeida Silva - Integrante / Giselle Lopes Silva - Integrante / Thais Tiemi Nakahara - Integrante / Caroline Teixeira Lopes - Integrante / Mayara Portieri Alves da Silva - Integrante / ELTON MASSAROLLO - Integrante / DENIS NESTOR DA SILVA - Integrante / FRANCISCO BARBOSA LIMA - Integrante / JOSE LUCAS REZENDE DE PAULA - Integrante / ANDREA ELOISA DA SILVA REIS - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa., Número de produções C, T & A: 8 / Número de orientações: 8

  • 2015 - Atual

    DESENVOLVIMENTO E VALIDAÇÃO DE MÉTODOS PARA DETERMINAÇÃO DE ESOMETRAZOL EM MATÉRIA-PRIMA E FORMAS FARMACÊUTICAS, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09612 Tipo de Cadastro: 18 - PROJETOS CEPE / UEL - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TRABALHO CIENTÍFICO Classificação: Aplicada Término Previsto: 08/07/2018 Área do CNPQ: QUIMICA Desenvolvimento do Projeto Data Situação Motivo 09/07/2015 EM EXECUÇÃO Resumo do Projeto O REFLUXO GASTRESOFÁGICO (DRGE) É UMA DOENÇA CRÔNICA DE PREVALÊNCIA NA POPULAÇÃO ADULTA DO MUNDO OCIDENTAL (10-20%) PRODUZINDO IMPACTO SOCIOECONÔMICO SIGNIFICATIVO. O ESOMEPRAZOL É O MEDICAMENTO CONSIDERADO EFICAZ PARA TRATAR O DRGE, POR INIBIR A ENZIMA K+ATPASE DA BOMBA DE PRÓTONS, BLOQUEANDO A ETAPA FINAL DA SECREÇÃO ÁCIDA GÁSTRICA. EMBORA, COMERCIALIZADO COMO MEDICAMENTO REFERÊNCIA E GENÉRICO, ATÉ O MOMENTO, CONSTATA-SE AUSÊNCIA DE MONOGRAFIA DESCREVENDO MÉTODO PARA O CONTROLE DE QUALIDADE NA FARMACOPEIA BRASILEIRA. A VALIDAÇÃO DE UM MÉTODO VISA ASSEGURAR A CONFIABILIDADE DOS RESULTADOS ANALÍTICOS, SENDO OS PARÂMETROS NORMALMENTE DETERMINADOS: SELETIVIDADE; LINEARIDADE; PRECISÃO; EXATIDÃO; FAIXA LINEAR; ROBUSTEZ; LIMITE DE DETECÇÃO E LIMITE DE QUANTIFICAÇÃO. NESTE TRABALHO, SERÃO DESENVOLVIDOS E VALIDADOS MÉTODOS EMPREGANDO A CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ALTA EFICIÊNCIA (HPLC) E ESPECTROFOTOMETRIA ULTRAVIOLETA (UV), COM AUTOMAÇÃO POR ANÁLISE DE INJEÇÃO EM FLUXO (FIA), VISANDO DETERMINAR O TEOR DE ESOMETRAZOL EM MATÉRIA-PRIMA E COMPRIMIDOS. PRETENDE-SE CONTRIBUIR PARA O CONTROLE DE QUALIDADE DO MEDICAMENTO, GARANTINDO A EFICÁCIA DO TRATAMENTO E COLABORANDO COM A QUALIDADE DE VIDA DE PORTADORES DE DOENÇA DO REFLUXO GASTRESOFÁGICO.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / Mirela Fulgencio Rabito - Integrante / Marlene Maria Fregonezi Nery - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Alan Carlos Correa - Integrante / Jessica Vertuan Rufino - Integrante / Fernando Cesar Queiroz da Silva - Integrante / Felipe Braga Trombeta - Integrante / Lúcio César de Almeida - Integrante., Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 3

  • 2015 - Atual

    CELULOSE BACTERIANA: PRODUÇÃO E APLICAÇÕES BIOMÉDICAS, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 10160 Tipo de Cadastro: 17 - ÓRGÃOS EXTERNOS DE FOMENTO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TRABALHO CIENTÍFICO Classificação: Básica Término Previsto: 16/12/2018 Área do CNPQ: CIENCIA E TECNOLOGIA DE ALIMENTOS 17/12/2015 EM EXECUÇÃO Resumo do Projeto O PROJETO É PARTE INTEGRANTE DE UM MACROPROJETO INICIADO NO ANO DE 2013, PRODUÇÃO DE FERMENTADO ACÉTICO A PARTIR DO MELAÇO DE SOJA, MESTRADO DO ALUNO ORIENTADO E COORIENTADO PELAS PROFAS DO DCTA/CCA/UEL. O OBJETIVO ERA AVALIAR A UTILIZAÇÃO DO MELAÇO DE SOJA PARA A PRODUÇÃO DE FERMENTADO ACÉTICO, PELO PROCESSO SUBMERSO. FOI ESTUDADO O RENDIMENTO DA FERMENTAÇÃO ALCOÓLICA, EM CONCENTRAÇÕES INICIAS DE MELAÇO DE SOJA DE 20, 25 E 30 ºBRIX, EM CONDIÇÃO ESTÁTICA OU SOB AGITAÇÃO. A MÁXIMA PRODUÇÃO DE ETANOL FOI DE 47,56 G/L PARA A FERMENTAÇÃO SOB AGITAÇÃO. A PARTIR DO FERMENTADO ALCOÓLICO DE MELAÇO DE SOJA, FOI PRODUZIDO O FERMENTADO ACÉTICO E ACOMPANHADO OITO CICLOS FERMENTATIVOS. A ACIDEZ MÉDIA DOS FERMENTADOS FOI DE 50,70 G/L COM RENDIMENTO EM ÁCIDO ACÉTICO (YAA), RENDIMENTO EM CONCENTRAÇÃO TOTAL (YCT) E PRODUTIVIDADE MÉDIA (PAA) DE 65,02, 92,76% E 0,033G/L/H, RESPECTIVAMENTE. OBSERVOU-SE A FORMAÇÃO DE UM ESPESSO POLÍMERO (CELULOSE BACTERIANA). A 2a ETAPA DO ESTUDO VISA À PRODUÇÃO CONSORCIADA DE ÁCIDO ACÉTICO E CELULOSE, POR BACTÉRIAS ACÉTICAS, A PARTIR DE MELAÇO DE SOJA PARA EXECUÇÃO EXPERIMENTAL E OBTENÇÃO DO TÍTULO DE MESTRE DO ALUNO RODRIGO JOSÉ GOMES. A PROPOSTA CENTRA-SE EM ESTUDAR E OTIMIZAR A PRODUÇÃO CONCOMITANTE, DE ÁCIDO ACÉTICO E DA CELULOSE, POR BACTÉRIAS ACÉTICAS, AVALIANDO O MÉTODO LENTO DE PRODUÇÃO DE VINAGRE, A PARTIR DO MELAÇO DE SOJA. INVESTIGAR O EFEITO DAS VARIÁVEIS TEMPERATURA E RELAÇÃO ENZIMA/SUBSTRATO NA OTIMIZAÇÃO DA HIDRÓLISE ENZIMÁTICA DO MELAÇO PARA POSTERIOR FERMENTAÇÃO ALCOÓLICA E ACÉTICA. IDENTIFICAR E CARACTERIZAR MOLECULARMENTE AS CEPAS BACTERIANAS ISOLADAS, RESPONSÁVEIS PELA BIOCONVERSÃO E COM MAIORES POTENCIAIS DE PRODUÇÃO DO POLÍMERO, ATRAVÉS DA AMPLIFICAÇÃO DE REGIÃO DO DNA RIBOSSOMAL, SEGUIDO DE SEQUENCIAMENTO. CARACTERIZAR A COMPOSIÇÃO DE ÁCIDOS VOLÁTEIS NO FERMENTADO, POR CROMATOGRAFIA E ESPECTROMETRIA DE MASSAS E POR RESSONÂNCIA MAGNÉTICA NUCLEAR. CARACTERIZAR A CELULOSE POR ESPECTROSCOPIA DE INFRAVERMELHO, MICROSCOPIA ELETRÔNICA DE VARREDURA, MICROSCOPIA DE FORÇA ATÔMICA, DIFRATOMETRIA DE RAIO X E RESSONÂNCIA MAGNÉTICA NUCLEAR. COMPARAR ESTE ESTUDO COM OUTROS DESENVOLVIDOS QUE ENVOLVAM OS MECANISMOS DE SÍNTESE DO BIOPOLÍMERO E OS ASPECTOS RELACIONADOS COM SUA ESTRUTURA E PROPRIEDADES. ESTA PRODUÇÃO SIMULTÂNEA PODE VIABILIZAR ECONOMICAMENTE A PRODUÇÃO DE CELULOSE, UMA VEZ QUE OS RENDIMENTOS AINDA SÃO CONSIDERADOS BAIXOS E TAMBÉM AGREGAR VALOR À INDÚSTRIA PRODUTORA DE FERMENTADOS ACÉTICOS. O MESMO FAZ PARTE COMO PLANO DE AÇÃO (PA3), DO MACROPROGRAMA 2, INTITULADO CELULOSE BACTERIANA: PRODUÇÃO E APLICAÇÕES BIOMÉDICAS, DA LINHA NANOTECNOLOGIA NO AGRONEGÓCIO: NOVAS FRONTEIRAS CONTEXTUALIZADAS ÀS NECESSIDADES, DA EMBRAPA. SÃO PARTICIPANTES AS UNIDADES DA EMBRAPA, CNPAT, CTAA E CNPSO, QUATRO UNIVERSIDADES (UFC, UFF, UNICAMP, UEL) E INMETRO. O PA3 DA UEL, SERÁ O RESPONSÁVEL PELAS ATIVIDADES RELACIONADAS À PRODUÇÃO DE CB DE MELAÇO DE SOJA, UTILIZANDO ROTA ACÉTICA, POR MEIO DE ESPÉCIES DO GÊNERO GLUCONOBACTER SP. AS ATIVIDADES DO GRUPO DO DCTA SÃO OBTENÇÃO DA MATÉRIA-PRIMA JUNTO ÀS INDÚSTRIAS PRODUTORAS, REMESSA DO MATERIAL PARA OS PARTICIPANTES DO GRUPO, CARACTERIZAÇÃO QUÍMICA DA MATÉRIA PRIMA, COLETA, ISOLAMENTO E SELEÇÃO DOS MICRORGANISMOS DE UNIDADES PRODUTORAS DE VINAGRE, BEM COMO O ESTUDO DO PROCESSO FERMENTATIVO. IDENTIFICAÇÃO E CARACTERIZAÇÃO DE CEPAS ISOLADAS SERÁ EXECUTADA NO DEPARTAMENTO DE BIOLOGIA E GENÉTICA CARACTERIZAÇÕES DA CB E DOS FERMENTADOS ACÉTICOS SERÃO EXECUTADOS NOS LABORATÓRIOS DO DEPARTAMENTO DE BIOQUÍMICA. O PA3 É FINANCIADO COM RECURSOS DA EMBRAPA, NO VALOR DE R$ 90.325,00. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (4) / Doutorado: (5) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / Elza Iouko Ida - Integrante / Wilma Aparecida Spinosa - Coordenador / JOSE MARCOS GONTIJO MANDARINO - Integrante / CESAR AUGUSTO TISCHER - Integrante / DIEGO GALVAN - Integrante / FERNANDA GARCIA DE ALMEIDA - Integrante / FERNANDA SILVA FARINAZZO - Integrante / GEOVANA PIVETA RIBEIRO - Integrante / LAURIVAL ANTONIO VILAS BOAS - Integrante / MARIANA ASSIS DE QUEIROZ C.. - Integrante / RODRIGO JOSÉ GOMES - Integrante / TAMARA MACIEL MACHADO - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2014 - Atual

    PROTIUM PILOSUM (TETRAGASTRIS PILOSA) DA FAMÍLIA BUCERACEA: MARCADORES COM POTENCIAL ATIVIDADE ANTIMALÁRIA E ANTILESHMANIA, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09186 Tipo de Cadastro: 20 - PROJETOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: DISSERTAÇÃO DE MESTRADO Classificação: Aplicada Término Previsto: 16/08/2016 Resumo do Projeto OS NÍVEIS DE PESSOAS INFECTADAS POR DOENÇAS NEGLIGENCIADAS COMO MALÁRIA E LEISHMANIOSE SÃO ALARMANTES NO BRASIL. UM DOS FATORES É O CRESCIMENTO POPULACIONAL DESORDENADO, QUE ACARRETA NÃO SÓ PROBLEMAS SOCIOECONÔMICOS, MAS TAMBÉM AMBIENTAIS. ATRELADAS À ESTE, A FALTA DE SANEAMENTO BÁSICO SÃO FATORES QUE CONTRIBUEM PARA UM AMBIENTE PROPICIO AO CRESCIMENTO DOS VETORES DA DOENÇA, E DESTA FORMA, PARA O AUMENTO DO NÚMERO DE CASOS DE PESSOAS INFECTADAS. ATUALMENTE NÃO EXISTE VACINA CONTRA A MALÁRIA E A LEISHMANIOSE, E NEM TRATAMENTOS EFICAZES E ATÓXICOS. UMA ALTERNATIVA CORRIQUEIRA UTILIZADA POR COMUNIDADES NA REGIÃO AMAZÔNICA É O USO DO EXTRATO DE PLANTAS QUE COMBATEM OS SINTOMAS DA MALÁRIA E LEISHMANIOSE, UMAS DELAS É A P. PILOSUM, CONHECIDA POPULARMENTE COMO BREU BRANCO. ASSIM, BASEADO NO USO POPULAR DA P. PILOSUM, BUSCA-SE NESTE TRABALHO IDENTIFICAR EVIDÊNCIAS CIENTÍFICAS DA SUA EFICÁCIA, POR MEIO DO ESTUDO DE EXTRATOS OBTIDOS DO P. PILOSUM FRENTE AOS PROTOZOÁRIOS. A OBTENÇÃO DOS EXTRATOS SERÁ REALIZADA POR DIVERSOS MÉTODOS, TAIS COMO MACERAÇÃO, SOXHLET, ULTRA-SOM E CROMATOGRAFIA POR COLUNA DE FRACIONAMENTO. O EXTRATO QUE APRESENTAR MAIOR POTENCIAL EM TERMOS DE PRINCÍPIOS ATIVOS SERÁ AVALIADO POR CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ALTA EFICIÊNCIA. PRETENDE-SE COM ESTE TRABALHO AVANÇAR NO CONHECIMENTO DOS COMPONENTES DESTA PLANTA, VERIFICANDO A ATIVIDADE FRENTE AOS AGENTES ETIOLÓGICOS DA MALÁRIA E DA LEISHMANIOSE.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (2) Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Agerdânio Andrade De Souza - Integrante., Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 3

  • 2014 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE SISTEMA CROMATOGRÁFICO IÔNICO MINIATURIZADO COM PREPARO DE AMOSTRA AUTOMATIZADO E MÉTODO QUIMIOMÉTRICO PARA AVALIAÇÃO DA QUALIDADE DO CAFÉ POR ESPECTROSCOPIA NIR E UPLC®-MS/MS, Descrição: Cadastrado na PROPPG/UEL sob o número 09924 Tipo de Cadastro: 20 - PROJETOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TESE DE DOUTORADO Classificação: Aplicada Término Previsto: 23/02/2018 Área do CNPQ: QUIMICA Resumo do Projeto DESDE QUE FOI INTRODUZIDA NO INÍCIO DO SÉCULO XX, A CROMATOGRAFIA VEM SOFRENDO GRANDES AVANÇOS. PORÉM, A MINIATURIZAÇÃO DE SISTEMAS CROMATOGRÁFICOS, APESAR DE SER CONSIDERADA UM RAMO PROMISSOR, CONTINUA BASTANTE LENTA. ESTA AINDA NÃO ALCANÇOU AMPLA DIFUSÃO, SENDO QUE O NÚMERO DE GRUPOS DE PESQUISA QUE DESENVOLVEM TRABALHOS NESSA ÁREA É BASTANTE RESTRITO. UM DOS LIMITANTES DESSE AVANÇO ESTÁ NA DIFICULDADE DE SE DESENVOLVER EQUIPAMENTOS ADEQUADOS, TÉCNICAS DE PREPARO DE AMOSTRAS, COLUNAS APROPRIADAS E SISTEMAS DE AQUISIÇÃO DE DADOS PASSÍVEIS DE APLICAÇÃO EM SISTEMAS MINIATURIZADOS. APESAR DE MUITOS DESSES PROBLEMAS POSSUÍREM RELATIVA FACILIDADE DE RESOLUÇÃO, AINDA NÃO SE DISPÕE DE EQUIPAMENTOS COMERCIALMENTE DISPONÍVEIS QUE SUPRAM AS CONDIÇÕES IMPOSTAS POR SISTEMAS MINIATURIZADOS EM SUA TOTALIDADE. ESTA DEMANDA PRECISA SER SUPRIDA PARA QUE SE POSSA USUFRUIR DE VANTAGENS COMO: MENOR CONSUMO DE SOLVENTES, UTILIZAÇÃO DE PEQUENOS VOLUMES DE AMOSTRA E, AUMENTO DE SENSIBILIDADE, INTRÍNSECOS À MINIATURIZAÇÃO DA CROMATOGRAFIA LÍQUIDA, REPRESENTANDO REDUÇÃO NO TRATAMENTO DOS RESÍDUOS, APELO IMPOSTO PELA QUÍMICA VERDE. SEGUINDO A MESMA LINHA, MÉTODOS QUE GEREM MENORES PASSÍVEIS AMBIENTAIS PRECISAM SER DESENVOLVIDOS. DURANTE AS DUAS ÚLTIMAS DÉCADAS AS ANÁLISES ESPECTRAIS POR INFRAVERMELHO PRÓXIMO (NIR), TEM SE DESTACADO COMO FERRAMENTA ANALÍTICA CONFIÁVEL E PROMISSORA PARA A AVALIAÇÃO DE ATRIBUTOS DE QUALIDADE. ESSA TÉCNICA, CONJUGADA COM FERRAMENTAS QUIMIOMÉTRICAS, APRESENTAM POTENCIAL NA OBTENÇÃO DE FORMA RÁPIDA DA COMPOSIÇÃO QUÍMICA E PROPRIEDADES RELACIONADAS Á DIVERSAS MATRIZES ALIMENTARES. PELO FATO DO CAFÉ SER A SEGUNDA COMMODITY DE MAISALTO VALOR ECONÔMICO, COSTUMA SOFRER ADULTERAÇÃO, COM ADIÇÃO DE DIVERSOS GRÃOS OU MATERIAIS DE MAIS BAIXO CUSTO, DEPENDENDO DA DISPONIBILIDADE E/OU COTAÇÃO DESTES NO MERCADO. ENTRETANTO, HÁ CARÊNCIA DE MÉTODOS ANALÍTICOS NÃO DESTRUTÍVEIS, CAPAZES DE SUPRIR A DEMANDA DE MERCADO FORNECENDO RESULTADOS RÁPIDOS E CONFIÁVEIS, PARA A VERIFICAÇÃO DA SUA QUALIDADE. VISANDO A RESOLUÇÃO DOS PROBLEMAS EXPOSTOS, ESTE ESTUDO OBJETIVA O DESENVOLVIMENTO INSTRUMENTAL DE UM SISTEMA CROMATOGRÁFICO IÔNICO MINIATURIZADO COM MÓDULO DE EXTRAÇÃO E PREPARO DE AMOSTRAS AUTOMATIZADO, DE UM MÉTODO PARA O ESTUDO DE ADULTERAÇÕES EM CAFÉ EMPREGANDO ESPECTROSCOPIA NIR E QUIMIOMETRIA E, DE UM MÉTODO PARA DISTINÇÃO ENTRE CAFÉ ROBUSTA E ARÁBICA UTILIZANDO CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ULTRA ALTA PERFORMANCE ACOPLADA A DETECTOR DE MASSAS (UPLC®-MS/MS).. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Maria de Almeida Silva - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Companhia Cacique de Café Solúvel - Cooperação., Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 6

  • 2014 - Atual

    TÉCNICAS EXTRATIVAS PARA ANÁLISE DE PESTICIDAS, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09923 Tipo de Cadastro: 20 - PROJETOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TESE DE DOUTORADO Classificação: Aplicada Término Previsto: 23/02/2018 Área do CNPQ: QUIMICA Resumo do Projeto COM O CRESCIMENTO CONTÍNUO DO AGRONEGÓCIO BRASILEIRO, O CONSUMO DE AGROTÓXICOS E A POLUIÇÃO, POR ESTE CAUSADA, TENDEM A SEGUIR A MESMA PROJEÇÃO DE CRESCIMENTO. SABE-SE QUE O CONTATO DIRETO OU INDIRETO COM ESTE TIPO DE PRODUTO TRAZ CONSEQUÊNCIAS Á LONGO PRAZO PARA A SAÚDE. SENDO ASSIM, UM CONTROLE AMBIENTAL RÍGIDO DEVE SER REALIZADO, OBJETIVANDO O USO DE ANÁLISES RÁPIDAS, DE FÁCIL EXECUÇÃO E COM MENOR GERAÇÃO DE RESÍDUOS. TÉCNICAS CONSAGRADAS COMO A EXTRAÇÃO LÍQUIDO-LÍQUIDO (LLE) VÊM PERDENDO ESPAÇO PARA AS QUE UTILIZAM MENOS SOLVENTES, COMO EXTRAÇÃO FASE SÓLIDA (SPE), E PARA OUTRAS QUE SEGUEM AS TENDÊNCIAS DE MINIATURIZAÇÃO E AUTOMAÇÃO ANALÍTICA. NESTE CONTEXTO DESTACA-SE A EXTRAÇÃO SORTIVA EM BARRA DE AGITAÇÃO MAGNÉTICA (SBSE) QUE UTILIZA UMA FASE POLIMÉRICA, PARA QUAL O ANALITO É TRANSFERIDO. O DESENVOLVIMENTO DE METODOLOGIAS EXTRATIVAS AINDA É UM DESAFIO, DEVIDO A GRANDE QUANTIDADE DE FATORES ANALÍTICOS CRÍTICOS E INTERFERENTES NAS MATRIZES AMOSTRAIS. O USO DE PLANEJAMENTOS EXPERIMENTAIS POR SUA VEZ, BUSCA A OTIMIZAÇÃO DESSAS METODOLOGIAS AO ESTUDAR AS INTERAÇÕES CRÍTICAS DE ANÁLISE. SENDO ASSIM, AO SE PROPOR NOVAS METODOLOGIAS ESSE ESTUDO FAVORECE A OBTENÇÃO DE MÉTODOS MAIS ROBUSTOS, SELETIVOS E COM CAPACIDADE EXTRATIVA ADEQUADA À NECESSIDADE À APLICAÇÃO NO CONTROLE AMBIENTAL COMO DE PESTICIDAS.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Caroline Teixeira Lopes - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 8 / Número de orientações: 4

  • 2016 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE METODOLOGIA RÁPIDA PARA DETECÇÃO DE FORMOL NO LEITE, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Vanerli Beloti em 13/05/2016., Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 10191 Tipo de Cadastro: 18 - PROJETOS CEPE / UEL - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: INOVAÇÃO TECNOLÓGICA Classificação: Aplicada Processo: / Relatório: Término Previsto: 27/04/2017 Área do CNPQ: MEDICINA VETERINARIA Resumo do Projeto A QUALIDADE DO LEITE CONSUMIDO É UMA CONSTANTE PREOCUPAÇÃO DOS TÉCNICOS E AUTORIDADES LIGADOS À ÁREA DE SAÚDE E LATICÍNIOS BEM COMO DOS CONSUMIDORES. UM DOS PROBLEMAS MAIS GRAVES SÃO AS DIVERSAS FRAUDES QUE CAUSAM PREJUÍZOS ECONÔMICOS, RISCOS À SAÚDE DOS CONSUMIDORES E PROBLEMAS TECNOLÓGICOS PARA AS INDÚSTRIAS. O LEITE É UM DOS ALIMENTOS QUE MAIS COMUMENTE SOFRE ADULTERAÇÕES E O CONSIDERA-SE FRAUDADO QUANDO OCORRE O DESNATE ANTES DE SEU PROCESSAMENTO OU QUANDO SÃO ADICIONADAS SUBSTÂNCIAS PROIBIDAS PELA LEGISLAÇÃO OU DE QUAISQUER ELEMENTOS ESTRANHOS A SUA COMPOSIÇÃO. AS FRAUDES NO LEITE TÊM COMO OBJETIVOS PRINCIPAIS AUMENTAR O VOLUME E CONTROLAR AS ALTERAÇÕES PROVOCADAS PELOS MICRORGANISMOS. A ADIÇÃO DE CONSERVANTES É UMA FRAUDE RELACIONADA À CONTAMINAÇÃO DO LEITE. SÃO UTILIZADAS DIVERSAS SUBSTÂNCIAS PARA ESTE FIM, E DENTRE ELAS, O FORMALDEÍDO, TENDO COMO OBJETIVO PRINCIPAL A REDUÇÃO OU ELIMINAÇÃO DE MICRORGANISMOS PRESENTES NO LEITE, PREVENINDO AS ALTERAÇÕES DECORRENTES DE SUA MULTIPLICAÇÃO. O FORMOL É CONSIDERADO ALTAMENTE TÓXICO AO SER INGERIDO, INALADO OU EM CONTATO COM A PELE, POR VIA INTRAVENOSA, INTRAPERITONEAL OU SUBCUTÂNEA, POIS PROMOVE MUTAÇÃO EM CÉLULAS SADIAS TRANSFORMANDO-AS EM CÉLULAS CARCINOGÊNICAS. POR ESTE MOTIVO, ESTA SUBSTÂNCIA FOI PROIBIDA DE SER USADA EM VÁRIOS SETORES, COMO O DE BELEZA, COSMÉTICO E ALIMENTÍCIO. E, NOS SETORES EM QUE É AINDA UTILIZADA, EXISTE UM LIMITE LEGAL DE EXPOSIÇÃO DO FORMOL AO HOMEM, O QUAL SE NÃO OBEDECIDO PODE LEVAR A EFEITOS PREJUDICIAIS À SAÚDE, ALÉM DE MULTAS ÀS EMPRESAS. ATUALMENTE, A ANÁLISE DE FORMOL EM LEITE ENCONTRA-SE ESPECIFICADA NA INSTRUÇÃO NORMATIVA N° 68/2006, NO TÓPICO MÉTODOS ANALÍTICOS FÍSICO-QUÍMICOS OFICIAIS PARA LEITE E PRODUTOS LÁCTEOS. A PROVA EXIGE A DESTILAÇÃO DO LEITE, É DEMORADA E LABORIOSA, O QUE DIFICULTA SUA EXECUÇÃO NA RECEPÇÃO DO LEITE, DE FORMA QUE EVITE SUA ENTRADA NA INDÚSTRIA. A NORMA CLASSIFICA O MÉTODO COMO QUALITATIVO, INDICANDO SE HÁ OU NÃO A PRESENÇA DO CONSERVANTE NO PRODUTO. RECENTEMENTE, NAS OPERAÇÕES LEITE COMPENSADO, O FARMACÊUTICO FABIANO BARRETO, UM DOS SUPERVISORES TÉCNICOS DO LABORATÓRIO NACIONAL AGROPECUÁRIO NO RIO GRANDE DO SUL, AFIRMOU QUE UTILIZANDO ESTE MÉTODO OFICIAL EM 60 AMOSTRAS DE LEITE, DEMOROU CERCA DE 15 DIAS PARA AVALIAR A PRESENÇA OU NÃO DE FORMOL, OU SEJA, APROXIMADAMENTE 4 AMOSTRAS/DIA. ASSIM, A INDÚSTRIA DE LATICÍNIOS TEM A NECESSIDADE DE PROVAS QUE PERMITAM A DETECÇÃO DE RESÍDUOS DE FORMOL COM MAIOR AGILIDADE E BAIXO CUSTO, PERMITINDO O RASTREAMENTO DE TODO O LEITE RECEBIDO PELA INDÚSTRIA.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (3) Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / Vanerli Beloti - Coordenador / Lycio Shinji Watanabe - Integrante / Yuri Renan Bovolenta - Integrante / NATALIA GONZAGA - Integrante / RONALDO TAMANINI - Integrante / JULIANA MAREZE - Integrante., Financiador(es): LONDRILAB COMERCIO DE PRODUTOS MICROBIOLOGICOS LTDA - EPP - Cooperação., Número de produções C, T & A: 13 / Número de orientações: 1

  • 2015 - Atual

    DESENVOLVIMENTO E VALIDAÇÃO DE MÉTODOS PARA DETERMINAÇÃO DE ESOMETRAZOL EM MATÉRIA-PRIMA E FORMAS FARMACÊUTICAS, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09612 Tipo de Cadastro: 18 - PROJETOS CEPE / UEL - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TRABALHO CIENTÍFICO Classificação: Aplicada Término Previsto: 08/07/2018 Área do CNPQ: QUIMICA Desenvolvimento do Projeto Data Situação Motivo 09/07/2015 EM EXECUÇÃO Resumo do Projeto O REFLUXO GASTRESOFÁGICO (DRGE) É UMA DOENÇA CRÔNICA DE PREVALÊNCIA NA POPULAÇÃO ADULTA DO MUNDO OCIDENTAL (10-20%) PRODUZINDO IMPACTO SOCIOECONÔMICO SIGNIFICATIVO. O ESOMEPRAZOL É O MEDICAMENTO CONSIDERADO EFICAZ PARA TRATAR O DRGE, POR INIBIR A ENZIMA K+ATPASE DA BOMBA DE PRÓTONS, BLOQUEANDO A ETAPA FINAL DA SECREÇÃO ÁCIDA GÁSTRICA. EMBORA, COMERCIALIZADO COMO MEDICAMENTO REFERÊNCIA E GENÉRICO, ATÉ O MOMENTO, CONSTATA-SE AUSÊNCIA DE MONOGRAFIA DESCREVENDO MÉTODO PARA O CONTROLE DE QUALIDADE NA FARMACOPEIA BRASILEIRA. A VALIDAÇÃO DE UM MÉTODO VISA ASSEGURAR A CONFIABILIDADE DOS RESULTADOS ANALÍTICOS, SENDO OS PARÂMETROS NORMALMENTE DETERMINADOS: SELETIVIDADE; LINEARIDADE; PRECISÃO; EXATIDÃO; FAIXA LINEAR; ROBUSTEZ; LIMITE DE DETECÇÃO E LIMITE DE QUANTIFICAÇÃO. NESTE TRABALHO, SERÃO DESENVOLVIDOS E VALIDADOS MÉTODOS EMPREGANDO A CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ALTA EFICIÊNCIA (HPLC) E ESPECTROFOTOMETRIA ULTRAVIOLETA (UV), COM AUTOMAÇÃO POR ANÁLISE DE INJEÇÃO EM FLUXO (FIA), VISANDO DETERMINAR O TEOR DE ESOMETRAZOL EM MATÉRIA-PRIMA E COMPRIMIDOS. PRETENDE-SE CONTRIBUIR PARA O CONTROLE DE QUALIDADE DO MEDICAMENTO, GARANTINDO A EFICÁCIA DO TRATAMENTO E COLABORANDO COM A QUALIDADE DE VIDA DE PORTADORES DE DOENÇA DO REFLUXO GASTRESOFÁGICO.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / Mirela Fulgencio Rabito - Integrante / Marlene Maria Fregonezi Nery - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Alan Carlos Correa - Integrante / Jessica Vertuan Rufino - Integrante / Fernando Cesar Queiroz da Silva - Integrante / Felipe Braga Trombeta - Integrante / Lúcio César de Almeida - Integrante., Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 3

  • 2015 - Atual

    AVALIAÇÃO E ESTABELECIMENTO DE PADRÃO OFICIAL BRASILEIRO DA IDENTIDADE E QUALIDADE DO CAFÉ TORRADO E MOÍDO COMERCIAL, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09632 Tipo de Cadastro: 16 - PROJETOS INTEGRADOS - PES/EXT/ENS Tipo de Pesquisa: TRABALHO CIENTÍFICO Classificação: Aplicada Término Previsto: 08/07/2017 Área do CNPQ: QUIMICA Resumo do Projeto O CAFÉ É A 2ª COMMODITY MAIS COMERCIALIZADA DO MUNDO. O BRASIL POR SUA VEZ, FIGURA COMO O MAIOR PRODUTOR E EXPORTADOR MUNDIAL, E É O 2º MAIOR CONSUMIDOR. APESAR DE SUA RELEVÂNCIA, O DEPARTAMENTO DE INSPEÇÃO DE PRODUTOS DE ORIGEM VEGETAL (DIPOV), ÓRGÃO REGULADOR E FISCALIZADOR DA SECRETARIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA DO MINISTÉRIO DA AGRICULTURA (MAPA), NÃO POSSUI QUALQUERREGULAMENTO TÉCNICO QUE ESTABELEÇA UM PADRÃO OFICIAL DE IDENTIDADE E QUALIDADE PARA O CAFÉ TORRADO E MOÍDO. POR ISSO, FREQUENTEMENTE NAS 2.400 MARCAS COMERCIALIZADAS NO MERCADO INTERNO, ENCONTRAM-SE MISTURADOS MATERIAIS DE MAIS BAIXO CUSTO/QUALIDADE. DENTRE AS ADIÇÕES MAIS COMUNS ESTÃO: CAFÉ DE MENOR PREÇO - CONILON OU ROBUSTA; CAFÉS DE MENOR QUALIDADE ? ESCOLHA COM GRÃOS DEFEITUOSOS COMO: VERDE, PRETO E ARDIDO; ADULTERANTES, TAIS COMO: MILHO, TRIGO, TRIGUILHO, SOJA, TRITICALE, AÇÚCAR MASCAVO, SEMENTES DE AÇAÍ, CEVADA; E IMPUREZAS COMO: CASCAS, PAUS E TORRÕES DE TERRA. PORTANTO, ESTE PROJETO OBJETIVA MAPEAR A QUALIDADE DO CAFÉ TORRADO E MOÍDO COMERCIALIZADO NO PARANÁ EM 2015, E ESTABELECER UM PADRÃO DE IDENTIDADE E QUALIDADE PARA O BRASIL. PARA ISSO, SERÃO EFETUADAS ANÁLISES SENSORIAIS E DE CARBOIDRATOS, VISANDO VERIFICAR A ADIÇÃO DE ADULTERANTES E IMPUREZAS, BEM COMO, AVERIGUAR A POSSIBILIDADE, DE PELO TEOR DE CAFEÍNA ESTABELECER A PROPORÇÃO DE CAFÉ CONILON MISTURADO AO ARÁBICA, EMPREGANDO A CROMATOGRAFIA A LÍQUIDO DE ALTA EFICIÊNCIA (HPLC). ESPERA-SE DESTA FORMA, ENCONTRAR MARCADORES EFICAZES, E COM O USO DE ANÁLISES QUIMIOMÉTRICAS MULTIVARIADAS CONHECER A INFLUÊNCIA DAS ADIÇÕES, CONTRIBUINDO PARA O ESTABELECIMENTO DESTE PERFIL DE QUALIDADE. ESPERA-SE AINDA, POSSIBILITAR A IMPLEMENTAÇÃO DE INSTRUÇÃO NORMATIVA PARA QUE REGULAMENTE O SETOR, TORNANDO A FISCALIZAÇÃO MAIS EFETIVA POR PARTE DOS ÓRGÃOS FISCALIZADORES, MELHORANDO A QUALIDADE DOS PRODUTOS COMERCIALIZADOS, PELA COIBIÇÃO DE FRAUDES, ASSIM COMO, GARANTINDO AO CONSUMIDOR O ACESSO A INFORMAÇÕES SOBRE OS PRODUTOS POR ELE CONSUMIDOS.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (7) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Joao Pereira dos Santos - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Maria de Almeida Silva - Integrante / Giselle Lopes Silva - Integrante / Thais Tiemi Nakahara - Integrante / Caroline Teixeira Lopes - Integrante / Mayara Portieri Alves da Silva - Integrante / ELTON MASSAROLLO - Integrante / DENIS NESTOR DA SILVA - Integrante / FRANCISCO BARBOSA LIMA - Integrante / JOSE LUCAS REZENDE DE PAULA - Integrante / ANDREA ELOISA DA SILVA REIS - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa., Número de produções C, T & A: 8 / Número de orientações: 8

  • 2015 - Atual

    CELULOSE BACTERIANA: PRODUÇÃO E APLICAÇÕES BIOMÉDICAS, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 10160 Tipo de Cadastro: 17 - ÓRGÃOS EXTERNOS DE FOMENTO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TRABALHO CIENTÍFICO Classificação: Básica Término Previsto: 16/12/2018 Área do CNPQ: CIENCIA E TECNOLOGIA DE ALIMENTOS 17/12/2015 EM EXECUÇÃO Resumo do Projeto O PROJETO É PARTE INTEGRANTE DE UM MACROPROJETO INICIADO NO ANO DE 2013, PRODUÇÃO DE FERMENTADO ACÉTICO A PARTIR DO MELAÇO DE SOJA, MESTRADO DO ALUNO ORIENTADO E COORIENTADO PELAS PROFAS DO DCTA/CCA/UEL. O OBJETIVO ERA AVALIAR A UTILIZAÇÃO DO MELAÇO DE SOJA PARA A PRODUÇÃO DE FERMENTADO ACÉTICO, PELO PROCESSO SUBMERSO. FOI ESTUDADO O RENDIMENTO DA FERMENTAÇÃO ALCOÓLICA, EM CONCENTRAÇÕES INICIAS DE MELAÇO DE SOJA DE 20, 25 E 30 ºBRIX, EM CONDIÇÃO ESTÁTICA OU SOB AGITAÇÃO. A MÁXIMA PRODUÇÃO DE ETANOL FOI DE 47,56 G/L PARA A FERMENTAÇÃO SOB AGITAÇÃO. A PARTIR DO FERMENTADO ALCOÓLICO DE MELAÇO DE SOJA, FOI PRODUZIDO O FERMENTADO ACÉTICO E ACOMPANHADO OITO CICLOS FERMENTATIVOS. A ACIDEZ MÉDIA DOS FERMENTADOS FOI DE 50,70 G/L COM RENDIMENTO EM ÁCIDO ACÉTICO (YAA), RENDIMENTO EM CONCENTRAÇÃO TOTAL (YCT) E PRODUTIVIDADE MÉDIA (PAA) DE 65,02, 92,76% E 0,033G/L/H, RESPECTIVAMENTE. OBSERVOU-SE A FORMAÇÃO DE UM ESPESSO POLÍMERO (CELULOSE BACTERIANA). A 2a ETAPA DO ESTUDO VISA À PRODUÇÃO CONSORCIADA DE ÁCIDO ACÉTICO E CELULOSE, POR BACTÉRIAS ACÉTICAS, A PARTIR DE MELAÇO DE SOJA PARA EXECUÇÃO EXPERIMENTAL E OBTENÇÃO DO TÍTULO DE MESTRE DO ALUNO RODRIGO JOSÉ GOMES. A PROPOSTA CENTRA-SE EM ESTUDAR E OTIMIZAR A PRODUÇÃO CONCOMITANTE, DE ÁCIDO ACÉTICO E DA CELULOSE, POR BACTÉRIAS ACÉTICAS, AVALIANDO O MÉTODO LENTO DE PRODUÇÃO DE VINAGRE, A PARTIR DO MELAÇO DE SOJA. INVESTIGAR O EFEITO DAS VARIÁVEIS TEMPERATURA E RELAÇÃO ENZIMA/SUBSTRATO NA OTIMIZAÇÃO DA HIDRÓLISE ENZIMÁTICA DO MELAÇO PARA POSTERIOR FERMENTAÇÃO ALCOÓLICA E ACÉTICA. IDENTIFICAR E CARACTERIZAR MOLECULARMENTE AS CEPAS BACTERIANAS ISOLADAS, RESPONSÁVEIS PELA BIOCONVERSÃO E COM MAIORES POTENCIAIS DE PRODUÇÃO DO POLÍMERO, ATRAVÉS DA AMPLIFICAÇÃO DE REGIÃO DO DNA RIBOSSOMAL, SEGUIDO DE SEQUENCIAMENTO. CARACTERIZAR A COMPOSIÇÃO DE ÁCIDOS VOLÁTEIS NO FERMENTADO, POR CROMATOGRAFIA E ESPECTROMETRIA DE MASSAS E POR RESSONÂNCIA MAGNÉTICA NUCLEAR. CARACTERIZAR A CELULOSE POR ESPECTROSCOPIA DE INFRAVERMELHO, MICROSCOPIA ELETRÔNICA DE VARREDURA, MICROSCOPIA DE FORÇA ATÔMICA, DIFRATOMETRIA DE RAIO X E RESSONÂNCIA MAGNÉTICA NUCLEAR. COMPARAR ESTE ESTUDO COM OUTROS DESENVOLVIDOS QUE ENVOLVAM OS MECANISMOS DE SÍNTESE DO BIOPOLÍMERO E OS ASPECTOS RELACIONADOS COM SUA ESTRUTURA E PROPRIEDADES. ESTA PRODUÇÃO SIMULTÂNEA PODE VIABILIZAR ECONOMICAMENTE A PRODUÇÃO DE CELULOSE, UMA VEZ QUE OS RENDIMENTOS AINDA SÃO CONSIDERADOS BAIXOS E TAMBÉM AGREGAR VALOR À INDÚSTRIA PRODUTORA DE FERMENTADOS ACÉTICOS. O MESMO FAZ PARTE COMO PLANO DE AÇÃO (PA3), DO MACROPROGRAMA 2, INTITULADO CELULOSE BACTERIANA: PRODUÇÃO E APLICAÇÕES BIOMÉDICAS, DA LINHA NANOTECNOLOGIA NO AGRONEGÓCIO: NOVAS FRONTEIRAS CONTEXTUALIZADAS ÀS NECESSIDADES, DA EMBRAPA. SÃO PARTICIPANTES AS UNIDADES DA EMBRAPA, CNPAT, CTAA E CNPSO, QUATRO UNIVERSIDADES (UFC, UFF, UNICAMP, UEL) E INMETRO. O PA3 DA UEL, SERÁ O RESPONSÁVEL PELAS ATIVIDADES RELACIONADAS À PRODUÇÃO DE CB DE MELAÇO DE SOJA, UTILIZANDO ROTA ACÉTICA, POR MEIO DE ESPÉCIES DO GÊNERO GLUCONOBACTER SP. AS ATIVIDADES DO GRUPO DO DCTA SÃO OBTENÇÃO DA MATÉRIA-PRIMA JUNTO ÀS INDÚSTRIAS PRODUTORAS, REMESSA DO MATERIAL PARA OS PARTICIPANTES DO GRUPO, CARACTERIZAÇÃO QUÍMICA DA MATÉRIA PRIMA, COLETA, ISOLAMENTO E SELEÇÃO DOS MICRORGANISMOS DE UNIDADES PRODUTORAS DE VINAGRE, BEM COMO O ESTUDO DO PROCESSO FERMENTATIVO. IDENTIFICAÇÃO E CARACTERIZAÇÃO DE CEPAS ISOLADAS SERÁ EXECUTADA NO DEPARTAMENTO DE BIOLOGIA E GENÉTICA CARACTERIZAÇÕES DA CB E DOS FERMENTADOS ACÉTICOS SERÃO EXECUTADOS NOS LABORATÓRIOS DO DEPARTAMENTO DE BIOQUÍMICA. O PA3 É FINANCIADO COM RECURSOS DA EMBRAPA, NO VALOR DE R$ 90.325,00. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (4) / Doutorado: (5) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / Elza Iouko Ida - Integrante / Wilma Aparecida Spinosa - Coordenador / JOSE MARCOS GONTIJO MANDARINO - Integrante / CESAR AUGUSTO TISCHER - Integrante / DIEGO GALVAN - Integrante / FERNANDA GARCIA DE ALMEIDA - Integrante / FERNANDA SILVA FARINAZZO - Integrante / GEOVANA PIVETA RIBEIRO - Integrante / LAURIVAL ANTONIO VILAS BOAS - Integrante / MARIANA ASSIS DE QUEIROZ C.. - Integrante / RODRIGO JOSÉ GOMES - Integrante / TAMARA MACIEL MACHADO - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2014 - 2016

    DESENVOLVIMENTO DE DISPOSITIVO PARA EXTRAÇÃO AUTOMATIZADA POR HPLC, Descrição: Desenvolvimento de barra sortiva para clea-up e pre concentração de analitos de interesse entre eles a fluoxetina. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante., Número de produções C, T & A: 9

  • 2014 - Atual

    PROTIUM PILOSUM (TETRAGASTRIS PILOSA) DA FAMÍLIA BUCERACEA: MARCADORES COM POTENCIAL ATIVIDADE ANTIMALÁRIA E ANTILESHMANIA, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09186 Tipo de Cadastro: 20 - PROJETOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: DISSERTAÇÃO DE MESTRADO Classificação: Aplicada Término Previsto: 16/08/2016 Resumo do Projeto OS NÍVEIS DE PESSOAS INFECTADAS POR DOENÇAS NEGLIGENCIADAS COMO MALÁRIA E LEISHMANIOSE SÃO ALARMANTES NO BRASIL. UM DOS FATORES É O CRESCIMENTO POPULACIONAL DESORDENADO, QUE ACARRETA NÃO SÓ PROBLEMAS SOCIOECONÔMICOS, MAS TAMBÉM AMBIENTAIS. ATRELADAS À ESTE, A FALTA DE SANEAMENTO BÁSICO SÃO FATORES QUE CONTRIBUEM PARA UM AMBIENTE PROPICIO AO CRESCIMENTO DOS VETORES DA DOENÇA, E DESTA FORMA, PARA O AUMENTO DO NÚMERO DE CASOS DE PESSOAS INFECTADAS. ATUALMENTE NÃO EXISTE VACINA CONTRA A MALÁRIA E A LEISHMANIOSE, E NEM TRATAMENTOS EFICAZES E ATÓXICOS. UMA ALTERNATIVA CORRIQUEIRA UTILIZADA POR COMUNIDADES NA REGIÃO AMAZÔNICA É O USO DO EXTRATO DE PLANTAS QUE COMBATEM OS SINTOMAS DA MALÁRIA E LEISHMANIOSE, UMAS DELAS É A P. PILOSUM, CONHECIDA POPULARMENTE COMO BREU BRANCO. ASSIM, BASEADO NO USO POPULAR DA P. PILOSUM, BUSCA-SE NESTE TRABALHO IDENTIFICAR EVIDÊNCIAS CIENTÍFICAS DA SUA EFICÁCIA, POR MEIO DO ESTUDO DE EXTRATOS OBTIDOS DO P. PILOSUM FRENTE AOS PROTOZOÁRIOS. A OBTENÇÃO DOS EXTRATOS SERÁ REALIZADA POR DIVERSOS MÉTODOS, TAIS COMO MACERAÇÃO, SOXHLET, ULTRA-SOM E CROMATOGRAFIA POR COLUNA DE FRACIONAMENTO. O EXTRATO QUE APRESENTAR MAIOR POTENCIAL EM TERMOS DE PRINCÍPIOS ATIVOS SERÁ AVALIADO POR CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ALTA EFICIÊNCIA. PRETENDE-SE COM ESTE TRABALHO AVANÇAR NO CONHECIMENTO DOS COMPONENTES DESTA PLANTA, VERIFICANDO A ATIVIDADE FRENTE AOS AGENTES ETIOLÓGICOS DA MALÁRIA E DA LEISHMANIOSE.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (2) Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Agerdânio Andrade De Souza - Integrante., Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 3

  • 2014 - Atual

    TÉCNICAS EXTRATIVAS PARA ANÁLISE DE PESTICIDAS, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09923 Tipo de Cadastro: 20 - PROJETOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TESE DE DOUTORADO Classificação: Aplicada Término Previsto: 23/02/2018 Área do CNPQ: QUIMICA Resumo do Projeto COM O CRESCIMENTO CONTÍNUO DO AGRONEGÓCIO BRASILEIRO, O CONSUMO DE AGROTÓXICOS E A POLUIÇÃO, POR ESTE CAUSADA, TENDEM A SEGUIR A MESMA PROJEÇÃO DE CRESCIMENTO. SABE-SE QUE O CONTATO DIRETO OU INDIRETO COM ESTE TIPO DE PRODUTO TRAZ CONSEQUÊNCIAS Á LONGO PRAZO PARA A SAÚDE. SENDO ASSIM, UM CONTROLE AMBIENTAL RÍGIDO DEVE SER REALIZADO, OBJETIVANDO O USO DE ANÁLISES RÁPIDAS, DE FÁCIL EXECUÇÃO E COM MENOR GERAÇÃO DE RESÍDUOS. TÉCNICAS CONSAGRADAS COMO A EXTRAÇÃO LÍQUIDO-LÍQUIDO (LLE) VÊM PERDENDO ESPAÇO PARA AS QUE UTILIZAM MENOS SOLVENTES, COMO EXTRAÇÃO FASE SÓLIDA (SPE), E PARA OUTRAS QUE SEGUEM AS TENDÊNCIAS DE MINIATURIZAÇÃO E AUTOMAÇÃO ANALÍTICA. NESTE CONTEXTO DESTACA-SE A EXTRAÇÃO SORTIVA EM BARRA DE AGITAÇÃO MAGNÉTICA (SBSE) QUE UTILIZA UMA FASE POLIMÉRICA, PARA QUAL O ANALITO É TRANSFERIDO. O DESENVOLVIMENTO DE METODOLOGIAS EXTRATIVAS AINDA É UM DESAFIO, DEVIDO A GRANDE QUANTIDADE DE FATORES ANALÍTICOS CRÍTICOS E INTERFERENTES NAS MATRIZES AMOSTRAIS. O USO DE PLANEJAMENTOS EXPERIMENTAIS POR SUA VEZ, BUSCA A OTIMIZAÇÃO DESSAS METODOLOGIAS AO ESTUDAR AS INTERAÇÕES CRÍTICAS DE ANÁLISE. SENDO ASSIM, AO SE PROPOR NOVAS METODOLOGIAS ESSE ESTUDO FAVORECE A OBTENÇÃO DE MÉTODOS MAIS ROBUSTOS, SELETIVOS E COM CAPACIDADE EXTRATIVA ADEQUADA À NECESSIDADE À APLICAÇÃO NO CONTROLE AMBIENTAL COMO DE PESTICIDAS.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Caroline Teixeira Lopes - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 8 / Número de orientações: 4

  • 2014 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE SISTEMA CROMATOGRÁFICO IÔNICO MINIATURIZADO COM PREPARO DE AMOSTRA AUTOMATIZADO E MÉTODO QUIMIOMÉTRICO PARA AVALIAÇÃO DA QUALIDADE DO CAFÉ POR ESPECTROSCOPIA NIR E UPLC®-MS/MS, Descrição: Cadastrado na PROPPG/UEL sob o número 09924 Tipo de Cadastro: 20 - PROJETOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TESE DE DOUTORADO Classificação: Aplicada Término Previsto: 23/02/2018 Área do CNPQ: QUIMICA Resumo do Projeto DESDE QUE FOI INTRODUZIDA NO INÍCIO DO SÉCULO XX, A CROMATOGRAFIA VEM SOFRENDO GRANDES AVANÇOS. PORÉM, A MINIATURIZAÇÃO DE SISTEMAS CROMATOGRÁFICOS, APESAR DE SER CONSIDERADA UM RAMO PROMISSOR, CONTINUA BASTANTE LENTA. ESTA AINDA NÃO ALCANÇOU AMPLA DIFUSÃO, SENDO QUE O NÚMERO DE GRUPOS DE PESQUISA QUE DESENVOLVEM TRABALHOS NESSA ÁREA É BASTANTE RESTRITO. UM DOS LIMITANTES DESSE AVANÇO ESTÁ NA DIFICULDADE DE SE DESENVOLVER EQUIPAMENTOS ADEQUADOS, TÉCNICAS DE PREPARO DE AMOSTRAS, COLUNAS APROPRIADAS E SISTEMAS DE AQUISIÇÃO DE DADOS PASSÍVEIS DE APLICAÇÃO EM SISTEMAS MINIATURIZADOS. APESAR DE MUITOS DESSES PROBLEMAS POSSUÍREM RELATIVA FACILIDADE DE RESOLUÇÃO, AINDA NÃO SE DISPÕE DE EQUIPAMENTOS COMERCIALMENTE DISPONÍVEIS QUE SUPRAM AS CONDIÇÕES IMPOSTAS POR SISTEMAS MINIATURIZADOS EM SUA TOTALIDADE. ESTA DEMANDA PRECISA SER SUPRIDA PARA QUE SE POSSA USUFRUIR DE VANTAGENS COMO: MENOR CONSUMO DE SOLVENTES, UTILIZAÇÃO DE PEQUENOS VOLUMES DE AMOSTRA E, AUMENTO DE SENSIBILIDADE, INTRÍNSECOS À MINIATURIZAÇÃO DA CROMATOGRAFIA LÍQUIDA, REPRESENTANDO REDUÇÃO NO TRATAMENTO DOS RESÍDUOS, APELO IMPOSTO PELA QUÍMICA VERDE. SEGUINDO A MESMA LINHA, MÉTODOS QUE GEREM MENORES PASSÍVEIS AMBIENTAIS PRECISAM SER DESENVOLVIDOS. DURANTE AS DUAS ÚLTIMAS DÉCADAS AS ANÁLISES ESPECTRAIS POR INFRAVERMELHO PRÓXIMO (NIR), TEM SE DESTACADO COMO FERRAMENTA ANALÍTICA CONFIÁVEL E PROMISSORA PARA A AVALIAÇÃO DE ATRIBUTOS DE QUALIDADE. ESSA TÉCNICA, CONJUGADA COM FERRAMENTAS QUIMIOMÉTRICAS, APRESENTAM POTENCIAL NA OBTENÇÃO DE FORMA RÁPIDA DA COMPOSIÇÃO QUÍMICA E PROPRIEDADES RELACIONADAS Á DIVERSAS MATRIZES ALIMENTARES. PELO FATO DO CAFÉ SER A SEGUNDA COMMODITY DE MAISALTO VALOR ECONÔMICO, COSTUMA SOFRER ADULTERAÇÃO, COM ADIÇÃO DE DIVERSOS GRÃOS OU MATERIAIS DE MAIS BAIXO CUSTO, DEPENDENDO DA DISPONIBILIDADE E/OU COTAÇÃO DESTES NO MERCADO. ENTRETANTO, HÁ CARÊNCIA DE MÉTODOS ANALÍTICOS NÃO DESTRUTÍVEIS, CAPAZES DE SUPRIR A DEMANDA DE MERCADO FORNECENDO RESULTADOS RÁPIDOS E CONFIÁVEIS, PARA A VERIFICAÇÃO DA SUA QUALIDADE. VISANDO A RESOLUÇÃO DOS PROBLEMAS EXPOSTOS, ESTE ESTUDO OBJETIVA O DESENVOLVIMENTO INSTRUMENTAL DE UM SISTEMA CROMATOGRÁFICO IÔNICO MINIATURIZADO COM MÓDULO DE EXTRAÇÃO E PREPARO DE AMOSTRAS AUTOMATIZADO, DE UM MÉTODO PARA O ESTUDO DE ADULTERAÇÕES EM CAFÉ EMPREGANDO ESPECTROSCOPIA NIR E QUIMIOMETRIA E, DE UM MÉTODO PARA DISTINÇÃO ENTRE CAFÉ ROBUSTA E ARÁBICA UTILIZANDO CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ULTRA ALTA PERFORMANCE ACOPLADA A DETECTOR DE MASSAS (UPLC®-MS/MS).. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Maria de Almeida Silva - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Companhia Cacique de Café Solúvel - Cooperação., Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 6

  • 2013 - Atual

    PROGRAMA NACIONAL DE COOPERAÇÃO ACADÊMICA - PROCAD/2013 - INTEGRAÇÃO EM QUÍMICA, Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Doutorado: (3) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / ALESSANDRA MAFFEI MONTEIRO - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Emanuel Carrilho - Integrante / Lycio Shinji Watanabe - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 27

  • 2012 - 2015

    TESTE DE DISSOLUÇÃO E DOSEAMENTO DO TENOFOVIR - FÁRMACO UTILIZADO NO TRATAMENTO DE AIDS E HEPATITE B, Descrição: Sistema automatizado controlado por sofwtare para fazer a dissolução de comprimidos. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / Andréa Diniz - Integrante / Marlene Maria Fregonezi Nery - Integrante / VINICIUS RICARDO ACQUARO JUNIOR - Integrante / Alan Carlos Correa - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 9

  • 2011 - 2013

    AVALIAÇÃO DA INFLUÊNCIA DA TORRA,PROCEDÊNCIA, VARIEDADE E DEFEITOS NOS TEORES DE CARBOIDRATOS UTILIZADOS PARA ATESTAR ADULTERAÇÃO EM CAFÉ TORRADO E MOÍDO, Descrição: Averiguar fraudes no café torrado e moído. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / Julia Estéfane Martins de Abreu - Integrante., Número de produções C, T & A: 19

  • 2009 - 2013

    DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS DE TRATAMENTO DE EFLUENTES POR ELETROCOAGULAÇÃO/ELETROFLOTAÇÃO PARA REUSO DE ÁGUA, Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (6) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / Ilza Lobo - Coordenador., Financiador(es): Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2012

    SISTEMA DE MEDIÇÃO DE UMIDADE BASEADO NA REFLEXÃO DIFUSA NO INFRAVERMELHO PRÓXIMO, Descrição: NIR portatil testado em café soluvel para determinação de umidade home-made em parceria com a eletrica. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / José Alexandre de França - Coordenador / Dari de Oliveira Toginho Filho - Integrante., Financiador(es): Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 11

  • 2007 - 2011

    AVALIAÇÃO FARMACOCINÉTICA DE FLAVONÓIDES A PARTIR DE EXTRATO PADRONIZADO DE ARNICA-DA-SERRA (LYCHNOPHORA ERICOIDES), Descrição: OS ESTUDOS SOBRE A FARMACOCINÉTICA DE PRODUTOS NATURAIS AINDA É MUITO ESCASSO. AS INFORMAÇÕES DE COMO ALGUNS PRODUTOS DE ORIGEM VEGETAL, COMO OS FLAVONÓIDES, SÃO ABSORVIDOS É ESSENCIAL PARA O ESCLARECIMENTO DO MECANISMO DE AÇÃO DESSES COMPOSTOS. A LYCHNOPHORA ERICOIDES É BASTANTE ESTUDADA E MOSTROU-SE EFICAZ NA AÇÃO ANTINFLAMATÓPRIA, SENDO ESSA ATIVIDADE ATRIBUÍDA AO FLAVONÓIDE. MAS A PRODUÇÃO DE MEDICAMENTOS A PARTIR DESSE PRODUTO ISOLADO OU EM EXTRATO ENRIQUECIDO NECESSITA PRIMEIRO DA AVALIAÇÃO DE QUAL OU QUAIS PRODUTOS REALMENTE SÃO ABSORVIDOS E PORTANTO SERIAM OS RESPONSÁVEIS PELA AÇÃO. A PARTIR DE ENSAIOS DE ABSORÇÃO, METABOLISMO E ATIVIDADE DE UM EXTRATO ENRIQUECIDO COM VICENINA-2 PRETENDE ESCLARECER ESSA DÚVIDA E AMPLIAR A POSSIBILIDADE DE TERMOS MAIS UM MEDICAMENTO FITOTERÁPICO INTEIRAMENTE NACIONAL. TODOS OS ENSAIOS DE ATIVIDADE ANTINFLAMATÓRIA DO EXTRATO SERÃO REALIZADOS IN VITRO, POR MEIO DE DOSEAMENTO DA INIBIÇÃO DA PRODUÇÃO DE ÓXIDO NÍTRICO CELULAR. OS ENSAIOS DE ATIVIDADE ANALGÉSICAS SERÃO REALIZADOS UTILIZANDO TÉCNICAS CLÁSSICAS DE CONTORÇÃO DE CAMUNDONGOS APÓS A ADMINISTRAÇÃO DE ÁCIDO ACÉTICO E HOT PLATE. SERÁ AVALIADA TAMBÉM A TOXICIDADE AGUDA DO EXTRATO. O PERFIL DE ABSORÇÃO SERÁ AVALIADO UTILIZANDO TÉCNICAS CROMATOGRÁFICAS. PARALELAMENTE SERÁ AVALIADO POR ESPECTROMETRIA DE MASSAS QUAIS OS METABÓLICOS FORMADOS E/OU ABSORVIDOS, DEMONSTRANDO ASSIM SE O FLAVONÓIDE É ATIVO OU SEUS METABÓLITOS.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (10) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Andréa Diniz - Integrante / Jaqueline Tobias de Moraes - Integrante / Diego Soares Domingues - Integrante / Matheus Sampaio Goveia - Integrante / Phileno Pinge Lopes - Integrante / Patrick Juliano Alves Gomes wietchorek - Integrante / Gabriela Amaral Buqui - Integrante / Franciele Barbieri - Integrante / Barbara Sthefani Caldas - Integrante / Francisco Granziera Junior - Integrante / Julia Estéfane Martins de Abreu - Integrante / Gisely C. Lopes - Integrante / Raphael Faglioni Pereira - Integrante / Norberto Peporine Lopes - Integrante / MASSURA, FRANCYS W. - Integrante / Alan Carlos Correa - Integrante., Financiador(es): Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 56

  • 2004 - 2008

    MONITORAMENTO E CONTROLE AUTOMATICADO DO PH, CONDUTIVIDADE E NITRATO DOS NUTRIENTES DA SOLUÇÃO EMPREGADA NO CULTIVO DA ALFACE HIDROPÔNICA, Descrição: Sistema para cultivo de alface hidropônica totalmente automatizado com desenvolvimento de instrumentação e software para acionamento de válvulas solenoides e monitoramento via rede de pH, condutividade e e temperatura.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / JOÃO CARLOS ALVES - Integrante / HIDEAKI WILSON TAKAHASHI - Integrante / Diego Soares Domingues - Integrante., Financiador(es): Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 22

  • 2000 - 2001

    SISTEMA DE DILUICAO "ON-LINE" PARA CROMATOGRAFIA LIQUIDA, Descrição: O sistema previa uma automatização feita pelo acionamento de válvulas solenoides de baixa pressão comandadas por software home-made. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (1) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante., Financiador(es): Universidade Estadual de Londrina - Outra., Número de produções C, T & A: 2

  • 1999 - 2004

    DESENVOLVIMENTO METODOLOGICO E AUTOMACAO INSTRUMENTAL PARA DETERMINACAO DE CARBOIDRATOS EM CAFE., Descrição: PROJETO DE INSTRUMENTAÇÃO DESENVOLVIDO COM FINANCIAMENTO DO PADCTIII.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / LUIZ HENRIQUE MAZO - Integrante / FERNANDO MAURO LANÇAS - Integrante / PAULO LAURO CORREA DE OLIVEIRA - Integrante., Financiador(es): Financiadora de Estudos e Projetos - Auxílio financeiro / Companhia Cacique de Café Solúvel - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 54

  • 2016 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE METODOLOGIA RÁPIDA PARA DETECÇÃO DE FORMOL NO LEITE, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Vanerli Beloti em 13/05/2016., Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 10191 Tipo de Cadastro: 18 - PROJETOS CEPE / UEL - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: INOVAÇÃO TECNOLÓGICA Classificação: Aplicada Processo: / Relatório: Término Previsto: 27/04/2017 Área do CNPQ: MEDICINA VETERINARIA Resumo do Projeto A QUALIDADE DO LEITE CONSUMIDO É UMA CONSTANTE PREOCUPAÇÃO DOS TÉCNICOS E AUTORIDADES LIGADOS À ÁREA DE SAÚDE E LATICÍNIOS BEM COMO DOS CONSUMIDORES. UM DOS PROBLEMAS MAIS GRAVES SÃO AS DIVERSAS FRAUDES QUE CAUSAM PREJUÍZOS ECONÔMICOS, RISCOS À SAÚDE DOS CONSUMIDORES E PROBLEMAS TECNOLÓGICOS PARA AS INDÚSTRIAS. O LEITE É UM DOS ALIMENTOS QUE MAIS COMUMENTE SOFRE ADULTERAÇÕES E O CONSIDERA-SE FRAUDADO QUANDO OCORRE O DESNATE ANTES DE SEU PROCESSAMENTO OU QUANDO SÃO ADICIONADAS SUBSTÂNCIAS PROIBIDAS PELA LEGISLAÇÃO OU DE QUAISQUER ELEMENTOS ESTRANHOS A SUA COMPOSIÇÃO. AS FRAUDES NO LEITE TÊM COMO OBJETIVOS PRINCIPAIS AUMENTAR O VOLUME E CONTROLAR AS ALTERAÇÕES PROVOCADAS PELOS MICRORGANISMOS. A ADIÇÃO DE CONSERVANTES É UMA FRAUDE RELACIONADA À CONTAMINAÇÃO DO LEITE. SÃO UTILIZADAS DIVERSAS SUBSTÂNCIAS PARA ESTE FIM, E DENTRE ELAS, O FORMALDEÍDO, TENDO COMO OBJETIVO PRINCIPAL A REDUÇÃO OU ELIMINAÇÃO DE MICRORGANISMOS PRESENTES NO LEITE, PREVENINDO AS ALTERAÇÕES DECORRENTES DE SUA MULTIPLICAÇÃO. O FORMOL É CONSIDERADO ALTAMENTE TÓXICO AO SER INGERIDO, INALADO OU EM CONTATO COM A PELE, POR VIA INTRAVENOSA, INTRAPERITONEAL OU SUBCUTÂNEA, POIS PROMOVE MUTAÇÃO EM CÉLULAS SADIAS TRANSFORMANDO-AS EM CÉLULAS CARCINOGÊNICAS. POR ESTE MOTIVO, ESTA SUBSTÂNCIA FOI PROIBIDA DE SER USADA EM VÁRIOS SETORES, COMO O DE BELEZA, COSMÉTICO E ALIMENTÍCIO. E, NOS SETORES EM QUE É AINDA UTILIZADA, EXISTE UM LIMITE LEGAL DE EXPOSIÇÃO DO FORMOL AO HOMEM, O QUAL SE NÃO OBEDECIDO PODE LEVAR A EFEITOS PREJUDICIAIS À SAÚDE, ALÉM DE MULTAS ÀS EMPRESAS. ATUALMENTE, A ANÁLISE DE FORMOL EM LEITE ENCONTRA-SE ESPECIFICADA NA INSTRUÇÃO NORMATIVA N° 68/2006, NO TÓPICO MÉTODOS ANALÍTICOS FÍSICO-QUÍMICOS OFICIAIS PARA LEITE E PRODUTOS LÁCTEOS. A PROVA EXIGE A DESTILAÇÃO DO LEITE, É DEMORADA E LABORIOSA, O QUE DIFICULTA SUA EXECUÇÃO NA RECEPÇÃO DO LEITE, DE FORMA QUE EVITE SUA ENTRADA NA INDÚSTRIA. A NORMA CLASSIFICA O MÉTODO COMO QUALITATIVO, INDICANDO SE HÁ OU NÃO A PRESENÇA DO CONSERVANTE NO PRODUTO. RECENTEMENTE, NAS OPERAÇÕES LEITE COMPENSADO, O FARMACÊUTICO FABIANO BARRETO, UM DOS SUPERVISORES TÉCNICOS DO LABORATÓRIO NACIONAL AGROPECUÁRIO NO RIO GRANDE DO SUL, AFIRMOU QUE UTILIZANDO ESTE MÉTODO OFICIAL EM 60 AMOSTRAS DE LEITE, DEMOROU CERCA DE 15 DIAS PARA AVALIAR A PRESENÇA OU NÃO DE FORMOL, OU SEJA, APROXIMADAMENTE 4 AMOSTRAS/DIA. ASSIM, A INDÚSTRIA DE LATICÍNIOS TEM A NECESSIDADE DE PROVAS QUE PERMITAM A DETECÇÃO DE RESÍDUOS DE FORMOL COM MAIOR AGILIDADE E BAIXO CUSTO, PERMITINDO O RASTREAMENTO DE TODO O LEITE RECEBIDO PELA INDÚSTRIA.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (3) Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / Vanerli Beloti - Coordenador / Lycio Shinji Watanabe - Integrante / Yuri Renan Bovolenta - Integrante / NATALIA GONZAGA - Integrante / RONALDO TAMANINI - Integrante / JULIANA MAREZE - Integrante., Financiador(es): LONDRILAB COMERCIO DE PRODUTOS MICROBIOLOGICOS LTDA - EPP - Cooperação., Número de produções C, T & A: 13 / Número de orientações: 1

  • 2015 - Atual

    DESENVOLVIMENTO E VALIDAÇÃO DE MÉTODOS PARA DETERMINAÇÃO DE ESOMETRAZOL EM MATÉRIA-PRIMA E FORMAS FARMACÊUTICAS, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09612 Tipo de Cadastro: 18 - PROJETOS CEPE / UEL - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TRABALHO CIENTÍFICO Classificação: Aplicada Término Previsto: 08/07/2018 Área do CNPQ: QUIMICA Desenvolvimento do Projeto Data Situação Motivo 09/07/2015 EM EXECUÇÃO Resumo do Projeto O REFLUXO GASTRESOFÁGICO (DRGE) É UMA DOENÇA CRÔNICA DE PREVALÊNCIA NA POPULAÇÃO ADULTA DO MUNDO OCIDENTAL (10-20%) PRODUZINDO IMPACTO SOCIOECONÔMICO SIGNIFICATIVO. O ESOMEPRAZOL É O MEDICAMENTO CONSIDERADO EFICAZ PARA TRATAR O DRGE, POR INIBIR A ENZIMA K+ATPASE DA BOMBA DE PRÓTONS, BLOQUEANDO A ETAPA FINAL DA SECREÇÃO ÁCIDA GÁSTRICA. EMBORA, COMERCIALIZADO COMO MEDICAMENTO REFERÊNCIA E GENÉRICO, ATÉ O MOMENTO, CONSTATA-SE AUSÊNCIA DE MONOGRAFIA DESCREVENDO MÉTODO PARA O CONTROLE DE QUALIDADE NA FARMACOPEIA BRASILEIRA. A VALIDAÇÃO DE UM MÉTODO VISA ASSEGURAR A CONFIABILIDADE DOS RESULTADOS ANALÍTICOS, SENDO OS PARÂMETROS NORMALMENTE DETERMINADOS: SELETIVIDADE; LINEARIDADE; PRECISÃO; EXATIDÃO; FAIXA LINEAR; ROBUSTEZ; LIMITE DE DETECÇÃO E LIMITE DE QUANTIFICAÇÃO. NESTE TRABALHO, SERÃO DESENVOLVIDOS E VALIDADOS MÉTODOS EMPREGANDO A CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ALTA EFICIÊNCIA (HPLC) E ESPECTROFOTOMETRIA ULTRAVIOLETA (UV), COM AUTOMAÇÃO POR ANÁLISE DE INJEÇÃO EM FLUXO (FIA), VISANDO DETERMINAR O TEOR DE ESOMETRAZOL EM MATÉRIA-PRIMA E COMPRIMIDOS. PRETENDE-SE CONTRIBUIR PARA O CONTROLE DE QUALIDADE DO MEDICAMENTO, GARANTINDO A EFICÁCIA DO TRATAMENTO E COLABORANDO COM A QUALIDADE DE VIDA DE PORTADORES DE DOENÇA DO REFLUXO GASTRESOFÁGICO.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / Mirela Fulgencio Rabito - Integrante / Marlene Maria Fregonezi Nery - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Alan Carlos Correa - Integrante / Jessica Vertuan Rufino - Integrante / Fernando Cesar Queiroz da Silva - Integrante / Felipe Braga Trombeta - Integrante / Lúcio César de Almeida - Integrante., Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 3

  • 2015 - Atual

    AVALIAÇÃO E ESTABELECIMENTO DE PADRÃO OFICIAL BRASILEIRO DA IDENTIDADE E QUALIDADE DO CAFÉ TORRADO E MOÍDO COMERCIAL, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09632 Tipo de Cadastro: 16 - PROJETOS INTEGRADOS - PES/EXT/ENS Tipo de Pesquisa: TRABALHO CIENTÍFICO Classificação: Aplicada Término Previsto: 08/07/2017 Área do CNPQ: QUIMICA Resumo do Projeto O CAFÉ É A 2ª COMMODITY MAIS COMERCIALIZADA DO MUNDO. O BRASIL POR SUA VEZ, FIGURA COMO O MAIOR PRODUTOR E EXPORTADOR MUNDIAL, E É O 2º MAIOR CONSUMIDOR. APESAR DE SUA RELEVÂNCIA, O DEPARTAMENTO DE INSPEÇÃO DE PRODUTOS DE ORIGEM VEGETAL (DIPOV), ÓRGÃO REGULADOR E FISCALIZADOR DA SECRETARIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA DO MINISTÉRIO DA AGRICULTURA (MAPA), NÃO POSSUI QUALQUERREGULAMENTO TÉCNICO QUE ESTABELEÇA UM PADRÃO OFICIAL DE IDENTIDADE E QUALIDADE PARA O CAFÉ TORRADO E MOÍDO. POR ISSO, FREQUENTEMENTE NAS 2.400 MARCAS COMERCIALIZADAS NO MERCADO INTERNO, ENCONTRAM-SE MISTURADOS MATERIAIS DE MAIS BAIXO CUSTO/QUALIDADE. DENTRE AS ADIÇÕES MAIS COMUNS ESTÃO: CAFÉ DE MENOR PREÇO - CONILON OU ROBUSTA; CAFÉS DE MENOR QUALIDADE ? ESCOLHA COM GRÃOS DEFEITUOSOS COMO: VERDE, PRETO E ARDIDO; ADULTERANTES, TAIS COMO: MILHO, TRIGO, TRIGUILHO, SOJA, TRITICALE, AÇÚCAR MASCAVO, SEMENTES DE AÇAÍ, CEVADA; E IMPUREZAS COMO: CASCAS, PAUS E TORRÕES DE TERRA. PORTANTO, ESTE PROJETO OBJETIVA MAPEAR A QUALIDADE DO CAFÉ TORRADO E MOÍDO COMERCIALIZADO NO PARANÁ EM 2015, E ESTABELECER UM PADRÃO DE IDENTIDADE E QUALIDADE PARA O BRASIL. PARA ISSO, SERÃO EFETUADAS ANÁLISES SENSORIAIS E DE CARBOIDRATOS, VISANDO VERIFICAR A ADIÇÃO DE ADULTERANTES E IMPUREZAS, BEM COMO, AVERIGUAR A POSSIBILIDADE, DE PELO TEOR DE CAFEÍNA ESTABELECER A PROPORÇÃO DE CAFÉ CONILON MISTURADO AO ARÁBICA, EMPREGANDO A CROMATOGRAFIA A LÍQUIDO DE ALTA EFICIÊNCIA (HPLC). ESPERA-SE DESTA FORMA, ENCONTRAR MARCADORES EFICAZES, E COM O USO DE ANÁLISES QUIMIOMÉTRICAS MULTIVARIADAS CONHECER A INFLUÊNCIA DAS ADIÇÕES, CONTRIBUINDO PARA O ESTABELECIMENTO DESTE PERFIL DE QUALIDADE. ESPERA-SE AINDA, POSSIBILITAR A IMPLEMENTAÇÃO DE INSTRUÇÃO NORMATIVA PARA QUE REGULAMENTE O SETOR, TORNANDO A FISCALIZAÇÃO MAIS EFETIVA POR PARTE DOS ÓRGÃOS FISCALIZADORES, MELHORANDO A QUALIDADE DOS PRODUTOS COMERCIALIZADOS, PELA COIBIÇÃO DE FRAUDES, ASSIM COMO, GARANTINDO AO CONSUMIDOR O ACESSO A INFORMAÇÕES SOBRE OS PRODUTOS POR ELE CONSUMIDOS.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (7) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Joao Pereira dos Santos - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Maria de Almeida Silva - Integrante / Giselle Lopes Silva - Integrante / Thais Tiemi Nakahara - Integrante / Caroline Teixeira Lopes - Integrante / Mayara Portieri Alves da Silva - Integrante / ELTON MASSAROLLO - Integrante / DENIS NESTOR DA SILVA - Integrante / FRANCISCO BARBOSA LIMA - Integrante / JOSE LUCAS REZENDE DE PAULA - Integrante / ANDREA ELOISA DA SILVA REIS - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa., Número de produções C, T & A: 8 / Número de orientações: 8

  • 2015 - Atual

    CELULOSE BACTERIANA: PRODUÇÃO E APLICAÇÕES BIOMÉDICAS, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 10160 Tipo de Cadastro: 17 - ÓRGÃOS EXTERNOS DE FOMENTO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TRABALHO CIENTÍFICO Classificação: Básica Término Previsto: 16/12/2018 Área do CNPQ: CIENCIA E TECNOLOGIA DE ALIMENTOS 17/12/2015 EM EXECUÇÃO Resumo do Projeto O PROJETO É PARTE INTEGRANTE DE UM MACROPROJETO INICIADO NO ANO DE 2013, PRODUÇÃO DE FERMENTADO ACÉTICO A PARTIR DO MELAÇO DE SOJA, MESTRADO DO ALUNO ORIENTADO E COORIENTADO PELAS PROFAS DO DCTA/CCA/UEL. O OBJETIVO ERA AVALIAR A UTILIZAÇÃO DO MELAÇO DE SOJA PARA A PRODUÇÃO DE FERMENTADO ACÉTICO, PELO PROCESSO SUBMERSO. FOI ESTUDADO O RENDIMENTO DA FERMENTAÇÃO ALCOÓLICA, EM CONCENTRAÇÕES INICIAS DE MELAÇO DE SOJA DE 20, 25 E 30 ºBRIX, EM CONDIÇÃO ESTÁTICA OU SOB AGITAÇÃO. A MÁXIMA PRODUÇÃO DE ETANOL FOI DE 47,56 G/L PARA A FERMENTAÇÃO SOB AGITAÇÃO. A PARTIR DO FERMENTADO ALCOÓLICO DE MELAÇO DE SOJA, FOI PRODUZIDO O FERMENTADO ACÉTICO E ACOMPANHADO OITO CICLOS FERMENTATIVOS. A ACIDEZ MÉDIA DOS FERMENTADOS FOI DE 50,70 G/L COM RENDIMENTO EM ÁCIDO ACÉTICO (YAA), RENDIMENTO EM CONCENTRAÇÃO TOTAL (YCT) E PRODUTIVIDADE MÉDIA (PAA) DE 65,02, 92,76% E 0,033G/L/H, RESPECTIVAMENTE. OBSERVOU-SE A FORMAÇÃO DE UM ESPESSO POLÍMERO (CELULOSE BACTERIANA). A 2a ETAPA DO ESTUDO VISA À PRODUÇÃO CONSORCIADA DE ÁCIDO ACÉTICO E CELULOSE, POR BACTÉRIAS ACÉTICAS, A PARTIR DE MELAÇO DE SOJA PARA EXECUÇÃO EXPERIMENTAL E OBTENÇÃO DO TÍTULO DE MESTRE DO ALUNO RODRIGO JOSÉ GOMES. A PROPOSTA CENTRA-SE EM ESTUDAR E OTIMIZAR A PRODUÇÃO CONCOMITANTE, DE ÁCIDO ACÉTICO E DA CELULOSE, POR BACTÉRIAS ACÉTICAS, AVALIANDO O MÉTODO LENTO DE PRODUÇÃO DE VINAGRE, A PARTIR DO MELAÇO DE SOJA. INVESTIGAR O EFEITO DAS VARIÁVEIS TEMPERATURA E RELAÇÃO ENZIMA/SUBSTRATO NA OTIMIZAÇÃO DA HIDRÓLISE ENZIMÁTICA DO MELAÇO PARA POSTERIOR FERMENTAÇÃO ALCOÓLICA E ACÉTICA. IDENTIFICAR E CARACTERIZAR MOLECULARMENTE AS CEPAS BACTERIANAS ISOLADAS, RESPONSÁVEIS PELA BIOCONVERSÃO E COM MAIORES POTENCIAIS DE PRODUÇÃO DO POLÍMERO, ATRAVÉS DA AMPLIFICAÇÃO DE REGIÃO DO DNA RIBOSSOMAL, SEGUIDO DE SEQUENCIAMENTO. CARACTERIZAR A COMPOSIÇÃO DE ÁCIDOS VOLÁTEIS NO FERMENTADO, POR CROMATOGRAFIA E ESPECTROMETRIA DE MASSAS E POR RESSONÂNCIA MAGNÉTICA NUCLEAR. CARACTERIZAR A CELULOSE POR ESPECTROSCOPIA DE INFRAVERMELHO, MICROSCOPIA ELETRÔNICA DE VARREDURA, MICROSCOPIA DE FORÇA ATÔMICA, DIFRATOMETRIA DE RAIO X E RESSONÂNCIA MAGNÉTICA NUCLEAR. COMPARAR ESTE ESTUDO COM OUTROS DESENVOLVIDOS QUE ENVOLVAM OS MECANISMOS DE SÍNTESE DO BIOPOLÍMERO E OS ASPECTOS RELACIONADOS COM SUA ESTRUTURA E PROPRIEDADES. ESTA PRODUÇÃO SIMULTÂNEA PODE VIABILIZAR ECONOMICAMENTE A PRODUÇÃO DE CELULOSE, UMA VEZ QUE OS RENDIMENTOS AINDA SÃO CONSIDERADOS BAIXOS E TAMBÉM AGREGAR VALOR À INDÚSTRIA PRODUTORA DE FERMENTADOS ACÉTICOS. O MESMO FAZ PARTE COMO PLANO DE AÇÃO (PA3), DO MACROPROGRAMA 2, INTITULADO CELULOSE BACTERIANA: PRODUÇÃO E APLICAÇÕES BIOMÉDICAS, DA LINHA NANOTECNOLOGIA NO AGRONEGÓCIO: NOVAS FRONTEIRAS CONTEXTUALIZADAS ÀS NECESSIDADES, DA EMBRAPA. SÃO PARTICIPANTES AS UNIDADES DA EMBRAPA, CNPAT, CTAA E CNPSO, QUATRO UNIVERSIDADES (UFC, UFF, UNICAMP, UEL) E INMETRO. O PA3 DA UEL, SERÁ O RESPONSÁVEL PELAS ATIVIDADES RELACIONADAS À PRODUÇÃO DE CB DE MELAÇO DE SOJA, UTILIZANDO ROTA ACÉTICA, POR MEIO DE ESPÉCIES DO GÊNERO GLUCONOBACTER SP. AS ATIVIDADES DO GRUPO DO DCTA SÃO OBTENÇÃO DA MATÉRIA-PRIMA JUNTO ÀS INDÚSTRIAS PRODUTORAS, REMESSA DO MATERIAL PARA OS PARTICIPANTES DO GRUPO, CARACTERIZAÇÃO QUÍMICA DA MATÉRIA PRIMA, COLETA, ISOLAMENTO E SELEÇÃO DOS MICRORGANISMOS DE UNIDADES PRODUTORAS DE VINAGRE, BEM COMO O ESTUDO DO PROCESSO FERMENTATIVO. IDENTIFICAÇÃO E CARACTERIZAÇÃO DE CEPAS ISOLADAS SERÁ EXECUTADA NO DEPARTAMENTO DE BIOLOGIA E GENÉTICA CARACTERIZAÇÕES DA CB E DOS FERMENTADOS ACÉTICOS SERÃO EXECUTADOS NOS LABORATÓRIOS DO DEPARTAMENTO DE BIOQUÍMICA. O PA3 É FINANCIADO COM RECURSOS DA EMBRAPA, NO VALOR DE R$ 90.325,00. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (4) / Doutorado: (5) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / Elza Iouko Ida - Integrante / Wilma Aparecida Spinosa - Coordenador / JOSE MARCOS GONTIJO MANDARINO - Integrante / CESAR AUGUSTO TISCHER - Integrante / DIEGO GALVAN - Integrante / FERNANDA GARCIA DE ALMEIDA - Integrante / FERNANDA SILVA FARINAZZO - Integrante / GEOVANA PIVETA RIBEIRO - Integrante / LAURIVAL ANTONIO VILAS BOAS - Integrante / MARIANA ASSIS DE QUEIROZ C.. - Integrante / RODRIGO JOSÉ GOMES - Integrante / TAMARA MACIEL MACHADO - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2014 - 2016

    DESENVOLVIMENTO DE DISPOSITIVO PARA EXTRAÇÃO AUTOMATIZADA POR HPLC, Descrição: Desenvolvimento de barra sortiva para clea-up e pre concentração de analitos de interesse entre eles a fluoxetina. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante., Número de produções C, T & A: 9

  • 2014 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE SISTEMA CROMATOGRÁFICO IÔNICO MINIATURIZADO COM PREPARO DE AMOSTRA AUTOMATIZADO E MÉTODO QUIMIOMÉTRICO PARA AVALIAÇÃO DA QUALIDADE DO CAFÉ POR ESPECTROSCOPIA NIR E UPLC®-MS/MS, Descrição: Cadastrado na PROPPG/UEL sob o número 09924 Tipo de Cadastro: 20 - PROJETOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TESE DE DOUTORADO Classificação: Aplicada Término Previsto: 23/02/2018 Área do CNPQ: QUIMICA Resumo do Projeto DESDE QUE FOI INTRODUZIDA NO INÍCIO DO SÉCULO XX, A CROMATOGRAFIA VEM SOFRENDO GRANDES AVANÇOS. PORÉM, A MINIATURIZAÇÃO DE SISTEMAS CROMATOGRÁFICOS, APESAR DE SER CONSIDERADA UM RAMO PROMISSOR, CONTINUA BASTANTE LENTA. ESTA AINDA NÃO ALCANÇOU AMPLA DIFUSÃO, SENDO QUE O NÚMERO DE GRUPOS DE PESQUISA QUE DESENVOLVEM TRABALHOS NESSA ÁREA É BASTANTE RESTRITO. UM DOS LIMITANTES DESSE AVANÇO ESTÁ NA DIFICULDADE DE SE DESENVOLVER EQUIPAMENTOS ADEQUADOS, TÉCNICAS DE PREPARO DE AMOSTRAS, COLUNAS APROPRIADAS E SISTEMAS DE AQUISIÇÃO DE DADOS PASSÍVEIS DE APLICAÇÃO EM SISTEMAS MINIATURIZADOS. APESAR DE MUITOS DESSES PROBLEMAS POSSUÍREM RELATIVA FACILIDADE DE RESOLUÇÃO, AINDA NÃO SE DISPÕE DE EQUIPAMENTOS COMERCIALMENTE DISPONÍVEIS QUE SUPRAM AS CONDIÇÕES IMPOSTAS POR SISTEMAS MINIATURIZADOS EM SUA TOTALIDADE. ESTA DEMANDA PRECISA SER SUPRIDA PARA QUE SE POSSA USUFRUIR DE VANTAGENS COMO: MENOR CONSUMO DE SOLVENTES, UTILIZAÇÃO DE PEQUENOS VOLUMES DE AMOSTRA E, AUMENTO DE SENSIBILIDADE, INTRÍNSECOS À MINIATURIZAÇÃO DA CROMATOGRAFIA LÍQUIDA, REPRESENTANDO REDUÇÃO NO TRATAMENTO DOS RESÍDUOS, APELO IMPOSTO PELA QUÍMICA VERDE. SEGUINDO A MESMA LINHA, MÉTODOS QUE GEREM MENORES PASSÍVEIS AMBIENTAIS PRECISAM SER DESENVOLVIDOS. DURANTE AS DUAS ÚLTIMAS DÉCADAS AS ANÁLISES ESPECTRAIS POR INFRAVERMELHO PRÓXIMO (NIR), TEM SE DESTACADO COMO FERRAMENTA ANALÍTICA CONFIÁVEL E PROMISSORA PARA A AVALIAÇÃO DE ATRIBUTOS DE QUALIDADE. ESSA TÉCNICA, CONJUGADA COM FERRAMENTAS QUIMIOMÉTRICAS, APRESENTAM POTENCIAL NA OBTENÇÃO DE FORMA RÁPIDA DA COMPOSIÇÃO QUÍMICA E PROPRIEDADES RELACIONADAS Á DIVERSAS MATRIZES ALIMENTARES. PELO FATO DO CAFÉ SER A SEGUNDA COMMODITY DE MAISALTO VALOR ECONÔMICO, COSTUMA SOFRER ADULTERAÇÃO, COM ADIÇÃO DE DIVERSOS GRÃOS OU MATERIAIS DE MAIS BAIXO CUSTO, DEPENDENDO DA DISPONIBILIDADE E/OU COTAÇÃO DESTES NO MERCADO. ENTRETANTO, HÁ CARÊNCIA DE MÉTODOS ANALÍTICOS NÃO DESTRUTÍVEIS, CAPAZES DE SUPRIR A DEMANDA DE MERCADO FORNECENDO RESULTADOS RÁPIDOS E CONFIÁVEIS, PARA A VERIFICAÇÃO DA SUA QUALIDADE. VISANDO A RESOLUÇÃO DOS PROBLEMAS EXPOSTOS, ESTE ESTUDO OBJETIVA O DESENVOLVIMENTO INSTRUMENTAL DE UM SISTEMA CROMATOGRÁFICO IÔNICO MINIATURIZADO COM MÓDULO DE EXTRAÇÃO E PREPARO DE AMOSTRAS AUTOMATIZADO, DE UM MÉTODO PARA O ESTUDO DE ADULTERAÇÕES EM CAFÉ EMPREGANDO ESPECTROSCOPIA NIR E QUIMIOMETRIA E, DE UM MÉTODO PARA DISTINÇÃO ENTRE CAFÉ ROBUSTA E ARÁBICA UTILIZANDO CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ULTRA ALTA PERFORMANCE ACOPLADA A DETECTOR DE MASSAS (UPLC®-MS/MS).. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Maria de Almeida Silva - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Companhia Cacique de Café Solúvel - Cooperação., Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 6

  • 2014 - Atual

    TÉCNICAS EXTRATIVAS PARA ANÁLISE DE PESTICIDAS, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09923 Tipo de Cadastro: 20 - PROJETOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TESE DE DOUTORADO Classificação: Aplicada Término Previsto: 23/02/2018 Área do CNPQ: QUIMICA Resumo do Projeto COM O CRESCIMENTO CONTÍNUO DO AGRONEGÓCIO BRASILEIRO, O CONSUMO DE AGROTÓXICOS E A POLUIÇÃO, POR ESTE CAUSADA, TENDEM A SEGUIR A MESMA PROJEÇÃO DE CRESCIMENTO. SABE-SE QUE O CONTATO DIRETO OU INDIRETO COM ESTE TIPO DE PRODUTO TRAZ CONSEQUÊNCIAS Á LONGO PRAZO PARA A SAÚDE. SENDO ASSIM, UM CONTROLE AMBIENTAL RÍGIDO DEVE SER REALIZADO, OBJETIVANDO O USO DE ANÁLISES RÁPIDAS, DE FÁCIL EXECUÇÃO E COM MENOR GERAÇÃO DE RESÍDUOS. TÉCNICAS CONSAGRADAS COMO A EXTRAÇÃO LÍQUIDO-LÍQUIDO (LLE) VÊM PERDENDO ESPAÇO PARA AS QUE UTILIZAM MENOS SOLVENTES, COMO EXTRAÇÃO FASE SÓLIDA (SPE), E PARA OUTRAS QUE SEGUEM AS TENDÊNCIAS DE MINIATURIZAÇÃO E AUTOMAÇÃO ANALÍTICA. NESTE CONTEXTO DESTACA-SE A EXTRAÇÃO SORTIVA EM BARRA DE AGITAÇÃO MAGNÉTICA (SBSE) QUE UTILIZA UMA FASE POLIMÉRICA, PARA QUAL O ANALITO É TRANSFERIDO. O DESENVOLVIMENTO DE METODOLOGIAS EXTRATIVAS AINDA É UM DESAFIO, DEVIDO A GRANDE QUANTIDADE DE FATORES ANALÍTICOS CRÍTICOS E INTERFERENTES NAS MATRIZES AMOSTRAIS. O USO DE PLANEJAMENTOS EXPERIMENTAIS POR SUA VEZ, BUSCA A OTIMIZAÇÃO DESSAS METODOLOGIAS AO ESTUDAR AS INTERAÇÕES CRÍTICAS DE ANÁLISE. SENDO ASSIM, AO SE PROPOR NOVAS METODOLOGIAS ESSE ESTUDO FAVORECE A OBTENÇÃO DE MÉTODOS MAIS ROBUSTOS, SELETIVOS E COM CAPACIDADE EXTRATIVA ADEQUADA À NECESSIDADE À APLICAÇÃO NO CONTROLE AMBIENTAL COMO DE PESTICIDAS.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Caroline Teixeira Lopes - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Auxílio financeiro / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa., Número de produções C, T & A: 8 / Número de orientações: 4

  • 2014 - Atual

    PROTIUM PILOSUM (TETRAGASTRIS PILOSA) DA FAMÍLIA BUCERACEA: MARCADORES COM POTENCIAL ATIVIDADE ANTIMALÁRIA E ANTILESHMANIA, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09186 Tipo de Cadastro: 20 - PROJETOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: DISSERTAÇÃO DE MESTRADO Classificação: Aplicada Término Previsto: 16/08/2016 Resumo do Projeto OS NÍVEIS DE PESSOAS INFECTADAS POR DOENÇAS NEGLIGENCIADAS COMO MALÁRIA E LEISHMANIOSE SÃO ALARMANTES NO BRASIL. UM DOS FATORES É O CRESCIMENTO POPULACIONAL DESORDENADO, QUE ACARRETA NÃO SÓ PROBLEMAS SOCIOECONÔMICOS, MAS TAMBÉM AMBIENTAIS. ATRELADAS À ESTE, A FALTA DE SANEAMENTO BÁSICO SÃO FATORES QUE CONTRIBUEM PARA UM AMBIENTE PROPICIO AO CRESCIMENTO DOS VETORES DA DOENÇA, E DESTA FORMA, PARA O AUMENTO DO NÚMERO DE CASOS DE PESSOAS INFECTADAS. ATUALMENTE NÃO EXISTE VACINA CONTRA A MALÁRIA E A LEISHMANIOSE, E NEM TRATAMENTOS EFICAZES E ATÓXICOS. UMA ALTERNATIVA CORRIQUEIRA UTILIZADA POR COMUNIDADES NA REGIÃO AMAZÔNICA É O USO DO EXTRATO DE PLANTAS QUE COMBATEM OS SINTOMAS DA MALÁRIA E LEISHMANIOSE, UMAS DELAS É A P. PILOSUM, CONHECIDA POPULARMENTE COMO BREU BRANCO. ASSIM, BASEADO NO USO POPULAR DA P. PILOSUM, BUSCA-SE NESTE TRABALHO IDENTIFICAR EVIDÊNCIAS CIENTÍFICAS DA SUA EFICÁCIA, POR MEIO DO ESTUDO DE EXTRATOS OBTIDOS DO P. PILOSUM FRENTE AOS PROTOZOÁRIOS. A OBTENÇÃO DOS EXTRATOS SERÁ REALIZADA POR DIVERSOS MÉTODOS, TAIS COMO MACERAÇÃO, SOXHLET, ULTRA-SOM E CROMATOGRAFIA POR COLUNA DE FRACIONAMENTO. O EXTRATO QUE APRESENTAR MAIOR POTENCIAL EM TERMOS DE PRINCÍPIOS ATIVOS SERÁ AVALIADO POR CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ALTA EFICIÊNCIA. PRETENDE-SE COM ESTE TRABALHO AVANÇAR NO CONHECIMENTO DOS COMPONENTES DESTA PLANTA, VERIFICANDO A ATIVIDADE FRENTE AOS AGENTES ETIOLÓGICOS DA MALÁRIA E DA LEISHMANIOSE.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (2) Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Agerdânio Andrade De Souza - Integrante., Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 3

  • 2013 - Atual

    PROGRAMA NACIONAL DE COOPERAÇÃO ACADÊMICA - PROCAD/2013 - INTEGRAÇÃO EM QUÍMICA, Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Doutorado: (3) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / ALESSANDRA MAFFEI MONTEIRO - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Emanuel Carrilho - Integrante / Lycio Shinji Watanabe - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 27

  • 2012 - 2015

    TESTE DE DISSOLUÇÃO E DOSEAMENTO DO TENOFOVIR - FÁRMACO UTILIZADO NO TRATAMENTO DE AIDS E HEPATITE B, Descrição: Sistema automatizado controlado por sofwtare para fazer a dissolução de comprimidos. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / Andréa Diniz - Integrante / Marlene Maria Fregonezi Nery - Integrante / VINICIUS RICARDO ACQUARO JUNIOR - Integrante / Alan Carlos Correa - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 9

  • 2011 - 2013

    AVALIAÇÃO DA INFLUÊNCIA DA TORRA,PROCEDÊNCIA, VARIEDADE E DEFEITOS NOS TEORES DE CARBOIDRATOS UTILIZADOS PARA ATESTAR ADULTERAÇÃO EM CAFÉ TORRADO E MOÍDO, Descrição: Averiguar fraudes no café torrado e moído. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / Julia Estéfane Martins de Abreu - Integrante., Número de produções C, T & A: 19

  • 2009 - 2013

    DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS DE TRATAMENTO DE EFLUENTES POR ELETROCOAGULAÇÃO/ELETROFLOTAÇÃO PARA REUSO DE ÁGUA, Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (6) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / Ilza Lobo - Coordenador., Financiador(es): Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2012

    SISTEMA DE MEDIÇÃO DE UMIDADE BASEADO NA REFLEXÃO DIFUSA NO INFRAVERMELHO PRÓXIMO, Descrição: NIR portatil testado em café soluvel para determinação de umidade home-made em parceria com a eletrica. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / José Alexandre de França - Coordenador / Dari de Oliveira Toginho Filho - Integrante., Financiador(es): Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 11

  • 2007 - 2011

    AVALIAÇÃO FARMACOCINÉTICA DE FLAVONÓIDES A PARTIR DE EXTRATO PADRONIZADO DE ARNICA-DA-SERRA (LYCHNOPHORA ERICOIDES), Descrição: OS ESTUDOS SOBRE A FARMACOCINÉTICA DE PRODUTOS NATURAIS AINDA É MUITO ESCASSO. AS INFORMAÇÕES DE COMO ALGUNS PRODUTOS DE ORIGEM VEGETAL, COMO OS FLAVONÓIDES, SÃO ABSORVIDOS É ESSENCIAL PARA O ESCLARECIMENTO DO MECANISMO DE AÇÃO DESSES COMPOSTOS. A LYCHNOPHORA ERICOIDES É BASTANTE ESTUDADA E MOSTROU-SE EFICAZ NA AÇÃO ANTINFLAMATÓPRIA, SENDO ESSA ATIVIDADE ATRIBUÍDA AO FLAVONÓIDE. MAS A PRODUÇÃO DE MEDICAMENTOS A PARTIR DESSE PRODUTO ISOLADO OU EM EXTRATO ENRIQUECIDO NECESSITA PRIMEIRO DA AVALIAÇÃO DE QUAL OU QUAIS PRODUTOS REALMENTE SÃO ABSORVIDOS E PORTANTO SERIAM OS RESPONSÁVEIS PELA AÇÃO. A PARTIR DE ENSAIOS DE ABSORÇÃO, METABOLISMO E ATIVIDADE DE UM EXTRATO ENRIQUECIDO COM VICENINA-2 PRETENDE ESCLARECER ESSA DÚVIDA E AMPLIAR A POSSIBILIDADE DE TERMOS MAIS UM MEDICAMENTO FITOTERÁPICO INTEIRAMENTE NACIONAL. TODOS OS ENSAIOS DE ATIVIDADE ANTINFLAMATÓRIA DO EXTRATO SERÃO REALIZADOS IN VITRO, POR MEIO DE DOSEAMENTO DA INIBIÇÃO DA PRODUÇÃO DE ÓXIDO NÍTRICO CELULAR. OS ENSAIOS DE ATIVIDADE ANALGÉSICAS SERÃO REALIZADOS UTILIZANDO TÉCNICAS CLÁSSICAS DE CONTORÇÃO DE CAMUNDONGOS APÓS A ADMINISTRAÇÃO DE ÁCIDO ACÉTICO E HOT PLATE. SERÁ AVALIADA TAMBÉM A TOXICIDADE AGUDA DO EXTRATO. O PERFIL DE ABSORÇÃO SERÁ AVALIADO UTILIZANDO TÉCNICAS CROMATOGRÁFICAS. PARALELAMENTE SERÁ AVALIADO POR ESPECTROMETRIA DE MASSAS QUAIS OS METABÓLICOS FORMADOS E/OU ABSORVIDOS, DEMONSTRANDO ASSIM SE O FLAVONÓIDE É ATIVO OU SEUS METABÓLITOS.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (10) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Andréa Diniz - Integrante / Jaqueline Tobias de Moraes - Integrante / Diego Soares Domingues - Integrante / Matheus Sampaio Goveia - Integrante / Phileno Pinge Lopes - Integrante / Patrick Juliano Alves Gomes wietchorek - Integrante / Gabriela Amaral Buqui - Integrante / Franciele Barbieri - Integrante / Barbara Sthefani Caldas - Integrante / Francisco Granziera Junior - Integrante / Julia Estéfane Martins de Abreu - Integrante / Gisely C. Lopes - Integrante / Raphael Faglioni Pereira - Integrante / Norberto Peporine Lopes - Integrante / MASSURA, FRANCYS W. - Integrante / Alan Carlos Correa - Integrante., Financiador(es): Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 56

  • 2004 - 2008

    MONITORAMENTO E CONTROLE AUTOMATICADO DO PH, CONDUTIVIDADE E NITRATO DOS NUTRIENTES DA SOLUÇÃO EMPREGADA NO CULTIVO DA ALFACE HIDROPÔNICA, Descrição: Sistema para cultivo de alface hidropônica totalmente automatizado com desenvolvimento de instrumentação e software para acionamento de válvulas solenoides e monitoramento via rede de pH, condutividade e e temperatura.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / JOÃO CARLOS ALVES - Integrante / HIDEAKI WILSON TAKAHASHI - Integrante / Diego Soares Domingues - Integrante., Financiador(es): Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 22

  • 2000 - 2001

    SISTEMA DE DILUICAO "ON-LINE" PARA CROMATOGRAFIA LIQUIDA, Descrição: O sistema previa uma automatização feita pelo acionamento de válvulas solenoides de baixa pressão comandadas por software home-made. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (1) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante., Financiador(es): Universidade Estadual de Londrina - Outra., Número de produções C, T & A: 2

  • 1999 - 2004

    DESENVOLVIMENTO METODOLOGICO E AUTOMACAO INSTRUMENTAL PARA DETERMINACAO DE CARBOIDRATOS EM CAFE., Descrição: PROJETO DE INSTRUMENTAÇÃO DESENVOLVIDO COM FINANCIAMENTO DO PADCTIII.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / LUIZ HENRIQUE MAZO - Integrante / FERNANDO MAURO LANÇAS - Integrante / PAULO LAURO CORREA DE OLIVEIRA - Integrante., Financiador(es): Companhia Cacique de Café Solúvel - Auxílio financeiro / Financiadora de Estudos e Projetos - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 54

  • 2016 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE METODOLOGIA RÁPIDA PARA DETECÇÃO DE FORMOL NO LEITE, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Vanerli Beloti em 13/05/2016., Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 10191 Tipo de Cadastro: 18 - PROJETOS CEPE / UEL - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: INOVAÇÃO TECNOLÓGICA Classificação: Aplicada Processo: / Relatório: Término Previsto: 27/04/2017 Área do CNPQ: MEDICINA VETERINARIA Resumo do Projeto A QUALIDADE DO LEITE CONSUMIDO É UMA CONSTANTE PREOCUPAÇÃO DOS TÉCNICOS E AUTORIDADES LIGADOS À ÁREA DE SAÚDE E LATICÍNIOS BEM COMO DOS CONSUMIDORES. UM DOS PROBLEMAS MAIS GRAVES SÃO AS DIVERSAS FRAUDES QUE CAUSAM PREJUÍZOS ECONÔMICOS, RISCOS À SAÚDE DOS CONSUMIDORES E PROBLEMAS TECNOLÓGICOS PARA AS INDÚSTRIAS. O LEITE É UM DOS ALIMENTOS QUE MAIS COMUMENTE SOFRE ADULTERAÇÕES E O CONSIDERA-SE FRAUDADO QUANDO OCORRE O DESNATE ANTES DE SEU PROCESSAMENTO OU QUANDO SÃO ADICIONADAS SUBSTÂNCIAS PROIBIDAS PELA LEGISLAÇÃO OU DE QUAISQUER ELEMENTOS ESTRANHOS A SUA COMPOSIÇÃO. AS FRAUDES NO LEITE TÊM COMO OBJETIVOS PRINCIPAIS AUMENTAR O VOLUME E CONTROLAR AS ALTERAÇÕES PROVOCADAS PELOS MICRORGANISMOS. A ADIÇÃO DE CONSERVANTES É UMA FRAUDE RELACIONADA À CONTAMINAÇÃO DO LEITE. SÃO UTILIZADAS DIVERSAS SUBSTÂNCIAS PARA ESTE FIM, E DENTRE ELAS, O FORMALDEÍDO, TENDO COMO OBJETIVO PRINCIPAL A REDUÇÃO OU ELIMINAÇÃO DE MICRORGANISMOS PRESENTES NO LEITE, PREVENINDO AS ALTERAÇÕES DECORRENTES DE SUA MULTIPLICAÇÃO. O FORMOL É CONSIDERADO ALTAMENTE TÓXICO AO SER INGERIDO, INALADO OU EM CONTATO COM A PELE, POR VIA INTRAVENOSA, INTRAPERITONEAL OU SUBCUTÂNEA, POIS PROMOVE MUTAÇÃO EM CÉLULAS SADIAS TRANSFORMANDO-AS EM CÉLULAS CARCINOGÊNICAS. POR ESTE MOTIVO, ESTA SUBSTÂNCIA FOI PROIBIDA DE SER USADA EM VÁRIOS SETORES, COMO O DE BELEZA, COSMÉTICO E ALIMENTÍCIO. E, NOS SETORES EM QUE É AINDA UTILIZADA, EXISTE UM LIMITE LEGAL DE EXPOSIÇÃO DO FORMOL AO HOMEM, O QUAL SE NÃO OBEDECIDO PODE LEVAR A EFEITOS PREJUDICIAIS À SAÚDE, ALÉM DE MULTAS ÀS EMPRESAS. ATUALMENTE, A ANÁLISE DE FORMOL EM LEITE ENCONTRA-SE ESPECIFICADA NA INSTRUÇÃO NORMATIVA N° 68/2006, NO TÓPICO MÉTODOS ANALÍTICOS FÍSICO-QUÍMICOS OFICIAIS PARA LEITE E PRODUTOS LÁCTEOS. A PROVA EXIGE A DESTILAÇÃO DO LEITE, É DEMORADA E LABORIOSA, O QUE DIFICULTA SUA EXECUÇÃO NA RECEPÇÃO DO LEITE, DE FORMA QUE EVITE SUA ENTRADA NA INDÚSTRIA. A NORMA CLASSIFICA O MÉTODO COMO QUALITATIVO, INDICANDO SE HÁ OU NÃO A PRESENÇA DO CONSERVANTE NO PRODUTO. RECENTEMENTE, NAS OPERAÇÕES LEITE COMPENSADO, O FARMACÊUTICO FABIANO BARRETO, UM DOS SUPERVISORES TÉCNICOS DO LABORATÓRIO NACIONAL AGROPECUÁRIO NO RIO GRANDE DO SUL, AFIRMOU QUE UTILIZANDO ESTE MÉTODO OFICIAL EM 60 AMOSTRAS DE LEITE, DEMOROU CERCA DE 15 DIAS PARA AVALIAR A PRESENÇA OU NÃO DE FORMOL, OU SEJA, APROXIMADAMENTE 4 AMOSTRAS/DIA. ASSIM, A INDÚSTRIA DE LATICÍNIOS TEM A NECESSIDADE DE PROVAS QUE PERMITAM A DETECÇÃO DE RESÍDUOS DE FORMOL COM MAIOR AGILIDADE E BAIXO CUSTO, PERMITINDO O RASTREAMENTO DE TODO O LEITE RECEBIDO PELA INDÚSTRIA.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (3) Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / Vanerli Beloti - Coordenador / Lycio Shinji Watanabe - Integrante / Yuri Renan Bovolenta - Integrante / NATALIA GONZAGA - Integrante / RONALDO TAMANINI - Integrante / JULIANA MAREZE - Integrante., Financiador(es): LONDRILAB COMERCIO DE PRODUTOS MICROBIOLOGICOS LTDA - EPP - Cooperação., Número de produções C, T & A: 13 / Número de orientações: 1

  • 2015 - Atual

    DESENVOLVIMENTO E VALIDAÇÃO DE MÉTODOS PARA DETERMINAÇÃO DE ESOMETRAZOL EM MATÉRIA-PRIMA E FORMAS FARMACÊUTICAS, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09612 Tipo de Cadastro: 18 - PROJETOS CEPE / UEL - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TRABALHO CIENTÍFICO Classificação: Aplicada Término Previsto: 08/07/2018 Área do CNPQ: QUIMICA Desenvolvimento do Projeto Data Situação Motivo 09/07/2015 EM EXECUÇÃO Resumo do Projeto O REFLUXO GASTRESOFÁGICO (DRGE) É UMA DOENÇA CRÔNICA DE PREVALÊNCIA NA POPULAÇÃO ADULTA DO MUNDO OCIDENTAL (10-20%) PRODUZINDO IMPACTO SOCIOECONÔMICO SIGNIFICATIVO. O ESOMEPRAZOL É O MEDICAMENTO CONSIDERADO EFICAZ PARA TRATAR O DRGE, POR INIBIR A ENZIMA K+ATPASE DA BOMBA DE PRÓTONS, BLOQUEANDO A ETAPA FINAL DA SECREÇÃO ÁCIDA GÁSTRICA. EMBORA, COMERCIALIZADO COMO MEDICAMENTO REFERÊNCIA E GENÉRICO, ATÉ O MOMENTO, CONSTATA-SE AUSÊNCIA DE MONOGRAFIA DESCREVENDO MÉTODO PARA O CONTROLE DE QUALIDADE NA FARMACOPEIA BRASILEIRA. A VALIDAÇÃO DE UM MÉTODO VISA ASSEGURAR A CONFIABILIDADE DOS RESULTADOS ANALÍTICOS, SENDO OS PARÂMETROS NORMALMENTE DETERMINADOS: SELETIVIDADE; LINEARIDADE; PRECISÃO; EXATIDÃO; FAIXA LINEAR; ROBUSTEZ; LIMITE DE DETECÇÃO E LIMITE DE QUANTIFICAÇÃO. NESTE TRABALHO, SERÃO DESENVOLVIDOS E VALIDADOS MÉTODOS EMPREGANDO A CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ALTA EFICIÊNCIA (HPLC) E ESPECTROFOTOMETRIA ULTRAVIOLETA (UV), COM AUTOMAÇÃO POR ANÁLISE DE INJEÇÃO EM FLUXO (FIA), VISANDO DETERMINAR O TEOR DE ESOMETRAZOL EM MATÉRIA-PRIMA E COMPRIMIDOS. PRETENDE-SE CONTRIBUIR PARA O CONTROLE DE QUALIDADE DO MEDICAMENTO, GARANTINDO A EFICÁCIA DO TRATAMENTO E COLABORANDO COM A QUALIDADE DE VIDA DE PORTADORES DE DOENÇA DO REFLUXO GASTRESOFÁGICO.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / Mirela Fulgencio Rabito - Integrante / Marlene Maria Fregonezi Nery - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Alan Carlos Correa - Integrante / Jessica Vertuan Rufino - Integrante / Fernando Cesar Queiroz da Silva - Integrante / Felipe Braga Trombeta - Integrante / Lúcio César de Almeida - Integrante., Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 3

  • 2015 - Atual

    AVALIAÇÃO E ESTABELECIMENTO DE PADRÃO OFICIAL BRASILEIRO DA IDENTIDADE E QUALIDADE DO CAFÉ TORRADO E MOÍDO COMERCIAL, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09632 Tipo de Cadastro: 16 - PROJETOS INTEGRADOS - PES/EXT/ENS Tipo de Pesquisa: TRABALHO CIENTÍFICO Classificação: Aplicada Término Previsto: 08/07/2017 Área do CNPQ: QUIMICA Resumo do Projeto O CAFÉ É A 2ª COMMODITY MAIS COMERCIALIZADA DO MUNDO. O BRASIL POR SUA VEZ, FIGURA COMO O MAIOR PRODUTOR E EXPORTADOR MUNDIAL, E É O 2º MAIOR CONSUMIDOR. APESAR DE SUA RELEVÂNCIA, O DEPARTAMENTO DE INSPEÇÃO DE PRODUTOS DE ORIGEM VEGETAL (DIPOV), ÓRGÃO REGULADOR E FISCALIZADOR DA SECRETARIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA DO MINISTÉRIO DA AGRICULTURA (MAPA), NÃO POSSUI QUALQUERREGULAMENTO TÉCNICO QUE ESTABELEÇA UM PADRÃO OFICIAL DE IDENTIDADE E QUALIDADE PARA O CAFÉ TORRADO E MOÍDO. POR ISSO, FREQUENTEMENTE NAS 2.400 MARCAS COMERCIALIZADAS NO MERCADO INTERNO, ENCONTRAM-SE MISTURADOS MATERIAIS DE MAIS BAIXO CUSTO/QUALIDADE. DENTRE AS ADIÇÕES MAIS COMUNS ESTÃO: CAFÉ DE MENOR PREÇO - CONILON OU ROBUSTA; CAFÉS DE MENOR QUALIDADE ? ESCOLHA COM GRÃOS DEFEITUOSOS COMO: VERDE, PRETO E ARDIDO; ADULTERANTES, TAIS COMO: MILHO, TRIGO, TRIGUILHO, SOJA, TRITICALE, AÇÚCAR MASCAVO, SEMENTES DE AÇAÍ, CEVADA; E IMPUREZAS COMO: CASCAS, PAUS E TORRÕES DE TERRA. PORTANTO, ESTE PROJETO OBJETIVA MAPEAR A QUALIDADE DO CAFÉ TORRADO E MOÍDO COMERCIALIZADO NO PARANÁ EM 2015, E ESTABELECER UM PADRÃO DE IDENTIDADE E QUALIDADE PARA O BRASIL. PARA ISSO, SERÃO EFETUADAS ANÁLISES SENSORIAIS E DE CARBOIDRATOS, VISANDO VERIFICAR A ADIÇÃO DE ADULTERANTES E IMPUREZAS, BEM COMO, AVERIGUAR A POSSIBILIDADE, DE PELO TEOR DE CAFEÍNA ESTABELECER A PROPORÇÃO DE CAFÉ CONILON MISTURADO AO ARÁBICA, EMPREGANDO A CROMATOGRAFIA A LÍQUIDO DE ALTA EFICIÊNCIA (HPLC). ESPERA-SE DESTA FORMA, ENCONTRAR MARCADORES EFICAZES, E COM O USO DE ANÁLISES QUIMIOMÉTRICAS MULTIVARIADAS CONHECER A INFLUÊNCIA DAS ADIÇÕES, CONTRIBUINDO PARA O ESTABELECIMENTO DESTE PERFIL DE QUALIDADE. ESPERA-SE AINDA, POSSIBILITAR A IMPLEMENTAÇÃO DE INSTRUÇÃO NORMATIVA PARA QUE REGULAMENTE O SETOR, TORNANDO A FISCALIZAÇÃO MAIS EFETIVA POR PARTE DOS ÓRGÃOS FISCALIZADORES, MELHORANDO A QUALIDADE DOS PRODUTOS COMERCIALIZADOS, PELA COIBIÇÃO DE FRAUDES, ASSIM COMO, GARANTINDO AO CONSUMIDOR O ACESSO A INFORMAÇÕES SOBRE OS PRODUTOS POR ELE CONSUMIDOS.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (7) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Joao Pereira dos Santos - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Maria de Almeida Silva - Integrante / Giselle Lopes Silva - Integrante / Thais Tiemi Nakahara - Integrante / Caroline Teixeira Lopes - Integrante / Mayara Portieri Alves da Silva - Integrante / ELTON MASSAROLLO - Integrante / DENIS NESTOR DA SILVA - Integrante / FRANCISCO BARBOSA LIMA - Integrante / JOSE LUCAS REZENDE DE PAULA - Integrante / ANDREA ELOISA DA SILVA REIS - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa., Número de produções C, T & A: 8 / Número de orientações: 8

  • 2015 - Atual

    CELULOSE BACTERIANA: PRODUÇÃO E APLICAÇÕES BIOMÉDICAS, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 10160 Tipo de Cadastro: 17 - ÓRGÃOS EXTERNOS DE FOMENTO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TRABALHO CIENTÍFICO Classificação: Básica Término Previsto: 16/12/2018 Área do CNPQ: CIENCIA E TECNOLOGIA DE ALIMENTOS 17/12/2015 EM EXECUÇÃO Resumo do Projeto O PROJETO É PARTE INTEGRANTE DE UM MACROPROJETO INICIADO NO ANO DE 2013, PRODUÇÃO DE FERMENTADO ACÉTICO A PARTIR DO MELAÇO DE SOJA, MESTRADO DO ALUNO ORIENTADO E COORIENTADO PELAS PROFAS DO DCTA/CCA/UEL. O OBJETIVO ERA AVALIAR A UTILIZAÇÃO DO MELAÇO DE SOJA PARA A PRODUÇÃO DE FERMENTADO ACÉTICO, PELO PROCESSO SUBMERSO. FOI ESTUDADO O RENDIMENTO DA FERMENTAÇÃO ALCOÓLICA, EM CONCENTRAÇÕES INICIAS DE MELAÇO DE SOJA DE 20, 25 E 30 ºBRIX, EM CONDIÇÃO ESTÁTICA OU SOB AGITAÇÃO. A MÁXIMA PRODUÇÃO DE ETANOL FOI DE 47,56 G/L PARA A FERMENTAÇÃO SOB AGITAÇÃO. A PARTIR DO FERMENTADO ALCOÓLICO DE MELAÇO DE SOJA, FOI PRODUZIDO O FERMENTADO ACÉTICO E ACOMPANHADO OITO CICLOS FERMENTATIVOS. A ACIDEZ MÉDIA DOS FERMENTADOS FOI DE 50,70 G/L COM RENDIMENTO EM ÁCIDO ACÉTICO (YAA), RENDIMENTO EM CONCENTRAÇÃO TOTAL (YCT) E PRODUTIVIDADE MÉDIA (PAA) DE 65,02, 92,76% E 0,033G/L/H, RESPECTIVAMENTE. OBSERVOU-SE A FORMAÇÃO DE UM ESPESSO POLÍMERO (CELULOSE BACTERIANA). A 2a ETAPA DO ESTUDO VISA À PRODUÇÃO CONSORCIADA DE ÁCIDO ACÉTICO E CELULOSE, POR BACTÉRIAS ACÉTICAS, A PARTIR DE MELAÇO DE SOJA PARA EXECUÇÃO EXPERIMENTAL E OBTENÇÃO DO TÍTULO DE MESTRE DO ALUNO RODRIGO JOSÉ GOMES. A PROPOSTA CENTRA-SE EM ESTUDAR E OTIMIZAR A PRODUÇÃO CONCOMITANTE, DE ÁCIDO ACÉTICO E DA CELULOSE, POR BACTÉRIAS ACÉTICAS, AVALIANDO O MÉTODO LENTO DE PRODUÇÃO DE VINAGRE, A PARTIR DO MELAÇO DE SOJA. INVESTIGAR O EFEITO DAS VARIÁVEIS TEMPERATURA E RELAÇÃO ENZIMA/SUBSTRATO NA OTIMIZAÇÃO DA HIDRÓLISE ENZIMÁTICA DO MELAÇO PARA POSTERIOR FERMENTAÇÃO ALCOÓLICA E ACÉTICA. IDENTIFICAR E CARACTERIZAR MOLECULARMENTE AS CEPAS BACTERIANAS ISOLADAS, RESPONSÁVEIS PELA BIOCONVERSÃO E COM MAIORES POTENCIAIS DE PRODUÇÃO DO POLÍMERO, ATRAVÉS DA AMPLIFICAÇÃO DE REGIÃO DO DNA RIBOSSOMAL, SEGUIDO DE SEQUENCIAMENTO. CARACTERIZAR A COMPOSIÇÃO DE ÁCIDOS VOLÁTEIS NO FERMENTADO, POR CROMATOGRAFIA E ESPECTROMETRIA DE MASSAS E POR RESSONÂNCIA MAGNÉTICA NUCLEAR. CARACTERIZAR A CELULOSE POR ESPECTROSCOPIA DE INFRAVERMELHO, MICROSCOPIA ELETRÔNICA DE VARREDURA, MICROSCOPIA DE FORÇA ATÔMICA, DIFRATOMETRIA DE RAIO X E RESSONÂNCIA MAGNÉTICA NUCLEAR. COMPARAR ESTE ESTUDO COM OUTROS DESENVOLVIDOS QUE ENVOLVAM OS MECANISMOS DE SÍNTESE DO BIOPOLÍMERO E OS ASPECTOS RELACIONADOS COM SUA ESTRUTURA E PROPRIEDADES. ESTA PRODUÇÃO SIMULTÂNEA PODE VIABILIZAR ECONOMICAMENTE A PRODUÇÃO DE CELULOSE, UMA VEZ QUE OS RENDIMENTOS AINDA SÃO CONSIDERADOS BAIXOS E TAMBÉM AGREGAR VALOR À INDÚSTRIA PRODUTORA DE FERMENTADOS ACÉTICOS. O MESMO FAZ PARTE COMO PLANO DE AÇÃO (PA3), DO MACROPROGRAMA 2, INTITULADO CELULOSE BACTERIANA: PRODUÇÃO E APLICAÇÕES BIOMÉDICAS, DA LINHA NANOTECNOLOGIA NO AGRONEGÓCIO: NOVAS FRONTEIRAS CONTEXTUALIZADAS ÀS NECESSIDADES, DA EMBRAPA. SÃO PARTICIPANTES AS UNIDADES DA EMBRAPA, CNPAT, CTAA E CNPSO, QUATRO UNIVERSIDADES (UFC, UFF, UNICAMP, UEL) E INMETRO. O PA3 DA UEL, SERÁ O RESPONSÁVEL PELAS ATIVIDADES RELACIONADAS À PRODUÇÃO DE CB DE MELAÇO DE SOJA, UTILIZANDO ROTA ACÉTICA, POR MEIO DE ESPÉCIES DO GÊNERO GLUCONOBACTER SP. AS ATIVIDADES DO GRUPO DO DCTA SÃO OBTENÇÃO DA MATÉRIA-PRIMA JUNTO ÀS INDÚSTRIAS PRODUTORAS, REMESSA DO MATERIAL PARA OS PARTICIPANTES DO GRUPO, CARACTERIZAÇÃO QUÍMICA DA MATÉRIA PRIMA, COLETA, ISOLAMENTO E SELEÇÃO DOS MICRORGANISMOS DE UNIDADES PRODUTORAS DE VINAGRE, BEM COMO O ESTUDO DO PROCESSO FERMENTATIVO. IDENTIFICAÇÃO E CARACTERIZAÇÃO DE CEPAS ISOLADAS SERÁ EXECUTADA NO DEPARTAMENTO DE BIOLOGIA E GENÉTICA CARACTERIZAÇÕES DA CB E DOS FERMENTADOS ACÉTICOS SERÃO EXECUTADOS NOS LABORATÓRIOS DO DEPARTAMENTO DE BIOQUÍMICA. O PA3 É FINANCIADO COM RECURSOS DA EMBRAPA, NO VALOR DE R$ 90.325,00. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (4) / Doutorado: (5) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / Elza Iouko Ida - Integrante / Wilma Aparecida Spinosa - Coordenador / JOSE MARCOS GONTIJO MANDARINO - Integrante / CESAR AUGUSTO TISCHER - Integrante / DIEGO GALVAN - Integrante / FERNANDA GARCIA DE ALMEIDA - Integrante / FERNANDA SILVA FARINAZZO - Integrante / GEOVANA PIVETA RIBEIRO - Integrante / LAURIVAL ANTONIO VILAS BOAS - Integrante / MARIANA ASSIS DE QUEIROZ C.. - Integrante / RODRIGO JOSÉ GOMES - Integrante / TAMARA MACIEL MACHADO - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2014 - 2016

    DESENVOLVIMENTO DE DISPOSITIVO PARA EXTRAÇÃO AUTOMATIZADA POR HPLC, Descrição: Desenvolvimento de barra sortiva para clea-up e pre concentração de analitos de interesse entre eles a fluoxetina. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante., Número de produções C, T & A: 9

  • 2014 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE SISTEMA CROMATOGRÁFICO IÔNICO MINIATURIZADO COM PREPARO DE AMOSTRA AUTOMATIZADO E MÉTODO QUIMIOMÉTRICO PARA AVALIAÇÃO DA QUALIDADE DO CAFÉ POR ESPECTROSCOPIA NIR E UPLC®-MS/MS, Descrição: Cadastrado na PROPPG/UEL sob o número 09924 Tipo de Cadastro: 20 - PROJETOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TESE DE DOUTORADO Classificação: Aplicada Término Previsto: 23/02/2018 Área do CNPQ: QUIMICA Resumo do Projeto DESDE QUE FOI INTRODUZIDA NO INÍCIO DO SÉCULO XX, A CROMATOGRAFIA VEM SOFRENDO GRANDES AVANÇOS. PORÉM, A MINIATURIZAÇÃO DE SISTEMAS CROMATOGRÁFICOS, APESAR DE SER CONSIDERADA UM RAMO PROMISSOR, CONTINUA BASTANTE LENTA. ESTA AINDA NÃO ALCANÇOU AMPLA DIFUSÃO, SENDO QUE O NÚMERO DE GRUPOS DE PESQUISA QUE DESENVOLVEM TRABALHOS NESSA ÁREA É BASTANTE RESTRITO. UM DOS LIMITANTES DESSE AVANÇO ESTÁ NA DIFICULDADE DE SE DESENVOLVER EQUIPAMENTOS ADEQUADOS, TÉCNICAS DE PREPARO DE AMOSTRAS, COLUNAS APROPRIADAS E SISTEMAS DE AQUISIÇÃO DE DADOS PASSÍVEIS DE APLICAÇÃO EM SISTEMAS MINIATURIZADOS. APESAR DE MUITOS DESSES PROBLEMAS POSSUÍREM RELATIVA FACILIDADE DE RESOLUÇÃO, AINDA NÃO SE DISPÕE DE EQUIPAMENTOS COMERCIALMENTE DISPONÍVEIS QUE SUPRAM AS CONDIÇÕES IMPOSTAS POR SISTEMAS MINIATURIZADOS EM SUA TOTALIDADE. ESTA DEMANDA PRECISA SER SUPRIDA PARA QUE SE POSSA USUFRUIR DE VANTAGENS COMO: MENOR CONSUMO DE SOLVENTES, UTILIZAÇÃO DE PEQUENOS VOLUMES DE AMOSTRA E, AUMENTO DE SENSIBILIDADE, INTRÍNSECOS À MINIATURIZAÇÃO DA CROMATOGRAFIA LÍQUIDA, REPRESENTANDO REDUÇÃO NO TRATAMENTO DOS RESÍDUOS, APELO IMPOSTO PELA QUÍMICA VERDE. SEGUINDO A MESMA LINHA, MÉTODOS QUE GEREM MENORES PASSÍVEIS AMBIENTAIS PRECISAM SER DESENVOLVIDOS. DURANTE AS DUAS ÚLTIMAS DÉCADAS AS ANÁLISES ESPECTRAIS POR INFRAVERMELHO PRÓXIMO (NIR), TEM SE DESTACADO COMO FERRAMENTA ANALÍTICA CONFIÁVEL E PROMISSORA PARA A AVALIAÇÃO DE ATRIBUTOS DE QUALIDADE. ESSA TÉCNICA, CONJUGADA COM FERRAMENTAS QUIMIOMÉTRICAS, APRESENTAM POTENCIAL NA OBTENÇÃO DE FORMA RÁPIDA DA COMPOSIÇÃO QUÍMICA E PROPRIEDADES RELACIONADAS Á DIVERSAS MATRIZES ALIMENTARES. PELO FATO DO CAFÉ SER A SEGUNDA COMMODITY DE MAISALTO VALOR ECONÔMICO, COSTUMA SOFRER ADULTERAÇÃO, COM ADIÇÃO DE DIVERSOS GRÃOS OU MATERIAIS DE MAIS BAIXO CUSTO, DEPENDENDO DA DISPONIBILIDADE E/OU COTAÇÃO DESTES NO MERCADO. ENTRETANTO, HÁ CARÊNCIA DE MÉTODOS ANALÍTICOS NÃO DESTRUTÍVEIS, CAPAZES DE SUPRIR A DEMANDA DE MERCADO FORNECENDO RESULTADOS RÁPIDOS E CONFIÁVEIS, PARA A VERIFICAÇÃO DA SUA QUALIDADE. VISANDO A RESOLUÇÃO DOS PROBLEMAS EXPOSTOS, ESTE ESTUDO OBJETIVA O DESENVOLVIMENTO INSTRUMENTAL DE UM SISTEMA CROMATOGRÁFICO IÔNICO MINIATURIZADO COM MÓDULO DE EXTRAÇÃO E PREPARO DE AMOSTRAS AUTOMATIZADO, DE UM MÉTODO PARA O ESTUDO DE ADULTERAÇÕES EM CAFÉ EMPREGANDO ESPECTROSCOPIA NIR E QUIMIOMETRIA E, DE UM MÉTODO PARA DISTINÇÃO ENTRE CAFÉ ROBUSTA E ARÁBICA UTILIZANDO CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ULTRA ALTA PERFORMANCE ACOPLADA A DETECTOR DE MASSAS (UPLC®-MS/MS).. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Maria de Almeida Silva - Integrante., Financiador(es): Companhia Cacique de Café Solúvel - Cooperação / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa., Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 6

  • 2014 - Atual

    TÉCNICAS EXTRATIVAS PARA ANÁLISE DE PESTICIDAS, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09923 Tipo de Cadastro: 20 - PROJETOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TESE DE DOUTORADO Classificação: Aplicada Término Previsto: 23/02/2018 Área do CNPQ: QUIMICA Resumo do Projeto COM O CRESCIMENTO CONTÍNUO DO AGRONEGÓCIO BRASILEIRO, O CONSUMO DE AGROTÓXICOS E A POLUIÇÃO, POR ESTE CAUSADA, TENDEM A SEGUIR A MESMA PROJEÇÃO DE CRESCIMENTO. SABE-SE QUE O CONTATO DIRETO OU INDIRETO COM ESTE TIPO DE PRODUTO TRAZ CONSEQUÊNCIAS Á LONGO PRAZO PARA A SAÚDE. SENDO ASSIM, UM CONTROLE AMBIENTAL RÍGIDO DEVE SER REALIZADO, OBJETIVANDO O USO DE ANÁLISES RÁPIDAS, DE FÁCIL EXECUÇÃO E COM MENOR GERAÇÃO DE RESÍDUOS. TÉCNICAS CONSAGRADAS COMO A EXTRAÇÃO LÍQUIDO-LÍQUIDO (LLE) VÊM PERDENDO ESPAÇO PARA AS QUE UTILIZAM MENOS SOLVENTES, COMO EXTRAÇÃO FASE SÓLIDA (SPE), E PARA OUTRAS QUE SEGUEM AS TENDÊNCIAS DE MINIATURIZAÇÃO E AUTOMAÇÃO ANALÍTICA. NESTE CONTEXTO DESTACA-SE A EXTRAÇÃO SORTIVA EM BARRA DE AGITAÇÃO MAGNÉTICA (SBSE) QUE UTILIZA UMA FASE POLIMÉRICA, PARA QUAL O ANALITO É TRANSFERIDO. O DESENVOLVIMENTO DE METODOLOGIAS EXTRATIVAS AINDA É UM DESAFIO, DEVIDO A GRANDE QUANTIDADE DE FATORES ANALÍTICOS CRÍTICOS E INTERFERENTES NAS MATRIZES AMOSTRAIS. O USO DE PLANEJAMENTOS EXPERIMENTAIS POR SUA VEZ, BUSCA A OTIMIZAÇÃO DESSAS METODOLOGIAS AO ESTUDAR AS INTERAÇÕES CRÍTICAS DE ANÁLISE. SENDO ASSIM, AO SE PROPOR NOVAS METODOLOGIAS ESSE ESTUDO FAVORECE A OBTENÇÃO DE MÉTODOS MAIS ROBUSTOS, SELETIVOS E COM CAPACIDADE EXTRATIVA ADEQUADA À NECESSIDADE À APLICAÇÃO NO CONTROLE AMBIENTAL COMO DE PESTICIDAS.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Caroline Teixeira Lopes - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 8 / Número de orientações: 4

  • 2014 - Atual

    PROTIUM PILOSUM (TETRAGASTRIS PILOSA) DA FAMÍLIA BUCERACEA: MARCADORES COM POTENCIAL ATIVIDADE ANTIMALÁRIA E ANTILESHMANIA, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09186 Tipo de Cadastro: 20 - PROJETOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: DISSERTAÇÃO DE MESTRADO Classificação: Aplicada Término Previsto: 16/08/2016 Resumo do Projeto OS NÍVEIS DE PESSOAS INFECTADAS POR DOENÇAS NEGLIGENCIADAS COMO MALÁRIA E LEISHMANIOSE SÃO ALARMANTES NO BRASIL. UM DOS FATORES É O CRESCIMENTO POPULACIONAL DESORDENADO, QUE ACARRETA NÃO SÓ PROBLEMAS SOCIOECONÔMICOS, MAS TAMBÉM AMBIENTAIS. ATRELADAS À ESTE, A FALTA DE SANEAMENTO BÁSICO SÃO FATORES QUE CONTRIBUEM PARA UM AMBIENTE PROPICIO AO CRESCIMENTO DOS VETORES DA DOENÇA, E DESTA FORMA, PARA O AUMENTO DO NÚMERO DE CASOS DE PESSOAS INFECTADAS. ATUALMENTE NÃO EXISTE VACINA CONTRA A MALÁRIA E A LEISHMANIOSE, E NEM TRATAMENTOS EFICAZES E ATÓXICOS. UMA ALTERNATIVA CORRIQUEIRA UTILIZADA POR COMUNIDADES NA REGIÃO AMAZÔNICA É O USO DO EXTRATO DE PLANTAS QUE COMBATEM OS SINTOMAS DA MALÁRIA E LEISHMANIOSE, UMAS DELAS É A P. PILOSUM, CONHECIDA POPULARMENTE COMO BREU BRANCO. ASSIM, BASEADO NO USO POPULAR DA P. PILOSUM, BUSCA-SE NESTE TRABALHO IDENTIFICAR EVIDÊNCIAS CIENTÍFICAS DA SUA EFICÁCIA, POR MEIO DO ESTUDO DE EXTRATOS OBTIDOS DO P. PILOSUM FRENTE AOS PROTOZOÁRIOS. A OBTENÇÃO DOS EXTRATOS SERÁ REALIZADA POR DIVERSOS MÉTODOS, TAIS COMO MACERAÇÃO, SOXHLET, ULTRA-SOM E CROMATOGRAFIA POR COLUNA DE FRACIONAMENTO. O EXTRATO QUE APRESENTAR MAIOR POTENCIAL EM TERMOS DE PRINCÍPIOS ATIVOS SERÁ AVALIADO POR CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ALTA EFICIÊNCIA. PRETENDE-SE COM ESTE TRABALHO AVANÇAR NO CONHECIMENTO DOS COMPONENTES DESTA PLANTA, VERIFICANDO A ATIVIDADE FRENTE AOS AGENTES ETIOLÓGICOS DA MALÁRIA E DA LEISHMANIOSE.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (2) Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Agerdânio Andrade De Souza - Integrante., Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 3

  • 2013 - Atual

    PROGRAMA NACIONAL DE COOPERAÇÃO ACADÊMICA - PROCAD/2013 - INTEGRAÇÃO EM QUÍMICA, Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Doutorado: (3) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / ALESSANDRA MAFFEI MONTEIRO - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Emanuel Carrilho - Integrante / Lycio Shinji Watanabe - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 27

  • 2012 - 2015

    TESTE DE DISSOLUÇÃO E DOSEAMENTO DO TENOFOVIR - FÁRMACO UTILIZADO NO TRATAMENTO DE AIDS E HEPATITE B, Descrição: Sistema automatizado controlado por sofwtare para fazer a dissolução de comprimidos. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / Andréa Diniz - Integrante / Marlene Maria Fregonezi Nery - Integrante / VINICIUS RICARDO ACQUARO JUNIOR - Integrante / Alan Carlos Correa - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 9

  • 2011 - 2013

    AVALIAÇÃO DA INFLUÊNCIA DA TORRA,PROCEDÊNCIA, VARIEDADE E DEFEITOS NOS TEORES DE CARBOIDRATOS UTILIZADOS PARA ATESTAR ADULTERAÇÃO EM CAFÉ TORRADO E MOÍDO, Descrição: Averiguar fraudes no café torrado e moído. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / Julia Estéfane Martins de Abreu - Integrante., Número de produções C, T & A: 19

  • 2009 - 2013

    DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS DE TRATAMENTO DE EFLUENTES POR ELETROCOAGULAÇÃO/ELETROFLOTAÇÃO PARA REUSO DE ÁGUA, Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (6) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / Ilza Lobo - Coordenador., Financiador(es): Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2012

    SISTEMA DE MEDIÇÃO DE UMIDADE BASEADO NA REFLEXÃO DIFUSA NO INFRAVERMELHO PRÓXIMO, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) José Alexandre de França em 03/04/2018., Descrição: NIR portatil testado em café soluvel para determinação de umidade home-made em parceria com a eletrica. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / José Alexandre de França - Coordenador / Dari de Oliveira Toginho Filho - Integrante., Financiador(es): Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 11

  • 2008 - Atual

    Dispositivos, métodos e sistemas instrumentais para triagem e determinação de adulterantes na cadeia do leite, Descrição: Projeto de Bolsa Produtividade CNPq - DT-2 enviado em 2017 e aprovado em fevereiro de 2018 por 36 meses R$ 1100 por mes Desenvolver diferentes tipos de soluções para controle de substâncias adicionadas para fraudar a cadeia do leite. Primeiramente, criar dispositivos (kits, spot test em placas/papel) para efetuar testes rápidos e simples, capazes de triar as adulterações na cadeia do leite. Segundo, desenvolver sistemas instrumentais automatizados para detecção simultânea colorimétrica e semi-quantitativa dos adulterantes, baseadas em imagens digitais, obtidas por scanner, webcam e smartphone. Terceiro, desenvolver métodos de referência empregando a cromatografia líquida de alta eficiência para assegurar a quantificação confiável e eficiente dos adulterantes adicionados ao leite.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Doutorado: (5) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Lycio Shinji Watanabe - Integrante / Yuri Renan Bovolenta - Integrante / Renan Mendes Ruiz - Integrante / Caroline Teixeira Lopes - Integrante / Mayara Portieri Alves da Silva - Integrante / Ana Heloisa Fonseca Ayala - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2007 - 2011

    AVALIAÇÃO FARMACOCINÉTICA DE FLAVONÓIDES A PARTIR DE EXTRATO PADRONIZADO DE ARNICA-DA-SERRA (LYCHNOPHORA ERICOIDES), Descrição: OS ESTUDOS SOBRE A FARMACOCINÉTICA DE PRODUTOS NATURAIS AINDA É MUITO ESCASSO. AS INFORMAÇÕES DE COMO ALGUNS PRODUTOS DE ORIGEM VEGETAL, COMO OS FLAVONÓIDES, SÃO ABSORVIDOS É ESSENCIAL PARA O ESCLARECIMENTO DO MECANISMO DE AÇÃO DESSES COMPOSTOS. A LYCHNOPHORA ERICOIDES É BASTANTE ESTUDADA E MOSTROU-SE EFICAZ NA AÇÃO ANTINFLAMATÓPRIA, SENDO ESSA ATIVIDADE ATRIBUÍDA AO FLAVONÓIDE. MAS A PRODUÇÃO DE MEDICAMENTOS A PARTIR DESSE PRODUTO ISOLADO OU EM EXTRATO ENRIQUECIDO NECESSITA PRIMEIRO DA AVALIAÇÃO DE QUAL OU QUAIS PRODUTOS REALMENTE SÃO ABSORVIDOS E PORTANTO SERIAM OS RESPONSÁVEIS PELA AÇÃO. A PARTIR DE ENSAIOS DE ABSORÇÃO, METABOLISMO E ATIVIDADE DE UM EXTRATO ENRIQUECIDO COM VICENINA-2 PRETENDE ESCLARECER ESSA DÚVIDA E AMPLIAR A POSSIBILIDADE DE TERMOS MAIS UM MEDICAMENTO FITOTERÁPICO INTEIRAMENTE NACIONAL. TODOS OS ENSAIOS DE ATIVIDADE ANTINFLAMATÓRIA DO EXTRATO SERÃO REALIZADOS IN VITRO, POR MEIO DE DOSEAMENTO DA INIBIÇÃO DA PRODUÇÃO DE ÓXIDO NÍTRICO CELULAR. OS ENSAIOS DE ATIVIDADE ANALGÉSICAS SERÃO REALIZADOS UTILIZANDO TÉCNICAS CLÁSSICAS DE CONTORÇÃO DE CAMUNDONGOS APÓS A ADMINISTRAÇÃO DE ÁCIDO ACÉTICO E HOT PLATE. SERÁ AVALIADA TAMBÉM A TOXICIDADE AGUDA DO EXTRATO. O PERFIL DE ABSORÇÃO SERÁ AVALIADO UTILIZANDO TÉCNICAS CROMATOGRÁFICAS. PARALELAMENTE SERÁ AVALIADO POR ESPECTROMETRIA DE MASSAS QUAIS OS METABÓLICOS FORMADOS E/OU ABSORVIDOS, DEMONSTRANDO ASSIM SE O FLAVONÓIDE É ATIVO OU SEUS METABÓLITOS.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (10) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Andréa Diniz - Integrante / Jaqueline Tobias de Moraes - Integrante / Diego Soares Domingues - Integrante / Matheus Sampaio Goveia - Integrante / Phileno Pinge Lopes - Integrante / Patrick Juliano Alves Gomes wietchorek - Integrante / Gabriela Amaral Buqui - Integrante / Franciele Barbieri - Integrante / Barbara Sthefani Caldas - Integrante / Francisco Granziera Junior - Integrante / Julia Estéfane Martins de Abreu - Integrante / Gisely C. Lopes - Integrante / Raphael Faglioni Pereira - Integrante / Norberto Peporine Lopes - Integrante / MASSURA, FRANCYS W. - Integrante / Alan Carlos Correa - Integrante., Financiador(es): Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 56

  • 2004 - 2008

    MONITORAMENTO E CONTROLE AUTOMATICADO DO PH, CONDUTIVIDADE E NITRATO DOS NUTRIENTES DA SOLUÇÃO EMPREGADA NO CULTIVO DA ALFACE HIDROPÔNICA, Descrição: Sistema para cultivo de alface hidropônica totalmente automatizado com desenvolvimento de instrumentação e software para acionamento de válvulas solenoides e monitoramento via rede de pH, condutividade e e temperatura.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / JOÃO CARLOS ALVES - Integrante / HIDEAKI WILSON TAKAHASHI - Integrante / Diego Soares Domingues - Integrante., Financiador(es): Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 22

  • 2000 - 2001

    SISTEMA DE DILUICAO "ON-LINE" PARA CROMATOGRAFIA LIQUIDA, Descrição: O sistema previa uma automatização feita pelo acionamento de válvulas solenoides de baixa pressão comandadas por software home-made. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (1) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante., Financiador(es): Universidade Estadual de Londrina - Outra., Número de produções C, T & A: 2

  • 1999 - 2004

    DESENVOLVIMENTO METODOLOGICO E AUTOMACAO INSTRUMENTAL PARA DETERMINACAO DE CARBOIDRATOS EM CAFE., Descrição: PROJETO DE INSTRUMENTAÇÃO DESENVOLVIDO COM FINANCIAMENTO DO PADCTIII.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / LUIZ HENRIQUE MAZO - Integrante / FERNANDO MAURO LANÇAS - Integrante / PAULO LAURO CORREA DE OLIVEIRA - Integrante., Financiador(es): Financiadora de Estudos e Projetos - Auxílio financeiro / Companhia Cacique de Café Solúvel - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 54

  • 2016 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE METODOLOGIA RÁPIDA PARA DETECÇÃO DE FORMOL NO LEITE, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Vanerli Beloti em 13/05/2016., Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 10191 Tipo de Cadastro: 18 - PROJETOS CEPE / UEL - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: INOVAÇÃO TECNOLÓGICA Classificação: Aplicada Processo: / Relatório: Término Previsto: 27/04/2017 Área do CNPQ: MEDICINA VETERINARIA Resumo do Projeto A QUALIDADE DO LEITE CONSUMIDO É UMA CONSTANTE PREOCUPAÇÃO DOS TÉCNICOS E AUTORIDADES LIGADOS À ÁREA DE SAÚDE E LATICÍNIOS BEM COMO DOS CONSUMIDORES. UM DOS PROBLEMAS MAIS GRAVES SÃO AS DIVERSAS FRAUDES QUE CAUSAM PREJUÍZOS ECONÔMICOS, RISCOS À SAÚDE DOS CONSUMIDORES E PROBLEMAS TECNOLÓGICOS PARA AS INDÚSTRIAS. O LEITE É UM DOS ALIMENTOS QUE MAIS COMUMENTE SOFRE ADULTERAÇÕES E O CONSIDERA-SE FRAUDADO QUANDO OCORRE O DESNATE ANTES DE SEU PROCESSAMENTO OU QUANDO SÃO ADICIONADAS SUBSTÂNCIAS PROIBIDAS PELA LEGISLAÇÃO OU DE QUAISQUER ELEMENTOS ESTRANHOS A SUA COMPOSIÇÃO. AS FRAUDES NO LEITE TÊM COMO OBJETIVOS PRINCIPAIS AUMENTAR O VOLUME E CONTROLAR AS ALTERAÇÕES PROVOCADAS PELOS MICRORGANISMOS. A ADIÇÃO DE CONSERVANTES É UMA FRAUDE RELACIONADA À CONTAMINAÇÃO DO LEITE. SÃO UTILIZADAS DIVERSAS SUBSTÂNCIAS PARA ESTE FIM, E DENTRE ELAS, O FORMALDEÍDO, TENDO COMO OBJETIVO PRINCIPAL A REDUÇÃO OU ELIMINAÇÃO DE MICRORGANISMOS PRESENTES NO LEITE, PREVENINDO AS ALTERAÇÕES DECORRENTES DE SUA MULTIPLICAÇÃO. O FORMOL É CONSIDERADO ALTAMENTE TÓXICO AO SER INGERIDO, INALADO OU EM CONTATO COM A PELE, POR VIA INTRAVENOSA, INTRAPERITONEAL OU SUBCUTÂNEA, POIS PROMOVE MUTAÇÃO EM CÉLULAS SADIAS TRANSFORMANDO-AS EM CÉLULAS CARCINOGÊNICAS. POR ESTE MOTIVO, ESTA SUBSTÂNCIA FOI PROIBIDA DE SER USADA EM VÁRIOS SETORES, COMO O DE BELEZA, COSMÉTICO E ALIMENTÍCIO. E, NOS SETORES EM QUE É AINDA UTILIZADA, EXISTE UM LIMITE LEGAL DE EXPOSIÇÃO DO FORMOL AO HOMEM, O QUAL SE NÃO OBEDECIDO PODE LEVAR A EFEITOS PREJUDICIAIS À SAÚDE, ALÉM DE MULTAS ÀS EMPRESAS. ATUALMENTE, A ANÁLISE DE FORMOL EM LEITE ENCONTRA-SE ESPECIFICADA NA INSTRUÇÃO NORMATIVA N° 68/2006, NO TÓPICO MÉTODOS ANALÍTICOS FÍSICO-QUÍMICOS OFICIAIS PARA LEITE E PRODUTOS LÁCTEOS. A PROVA EXIGE A DESTILAÇÃO DO LEITE, É DEMORADA E LABORIOSA, O QUE DIFICULTA SUA EXECUÇÃO NA RECEPÇÃO DO LEITE, DE FORMA QUE EVITE SUA ENTRADA NA INDÚSTRIA. A NORMA CLASSIFICA O MÉTODO COMO QUALITATIVO, INDICANDO SE HÁ OU NÃO A PRESENÇA DO CONSERVANTE NO PRODUTO. RECENTEMENTE, NAS OPERAÇÕES LEITE COMPENSADO, O FARMACÊUTICO FABIANO BARRETO, UM DOS SUPERVISORES TÉCNICOS DO LABORATÓRIO NACIONAL AGROPECUÁRIO NO RIO GRANDE DO SUL, AFIRMOU QUE UTILIZANDO ESTE MÉTODO OFICIAL EM 60 AMOSTRAS DE LEITE, DEMOROU CERCA DE 15 DIAS PARA AVALIAR A PRESENÇA OU NÃO DE FORMOL, OU SEJA, APROXIMADAMENTE 4 AMOSTRAS/DIA. ASSIM, A INDÚSTRIA DE LATICÍNIOS TEM A NECESSIDADE DE PROVAS QUE PERMITAM A DETECÇÃO DE RESÍDUOS DE FORMOL COM MAIOR AGILIDADE E BAIXO CUSTO, PERMITINDO O RASTREAMENTO DE TODO O LEITE RECEBIDO PELA INDÚSTRIA.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (3) Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / Vanerli Beloti - Coordenador / Lycio Shinji Watanabe - Integrante / Yuri Renan Bovolenta - Integrante / NATALIA GONZAGA - Integrante / RONALDO TAMANINI - Integrante / JULIANA MAREZE - Integrante.Financiador(es): LONDRILAB COMERCIO DE PRODUTOS MICROBIOLOGICOS LTDA - EPP - Cooperação., Número de produções C, T & A: 13 / Número de orientações: 1

  • 2015 - Atual

    AVALIAÇÃO E ESTABELECIMENTO DE PADRÃO OFICIAL BRASILEIRO DA IDENTIDADE E QUALIDADE DO CAFÉ TORRADO E MOÍDO COMERCIAL, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09632 Tipo de Cadastro: 16 - PROJETOS INTEGRADOS - PES/EXT/ENS Tipo de Pesquisa: TRABALHO CIENTÍFICO Classificação: Aplicada Término Previsto: 08/07/2017 Área do CNPQ: QUIMICA Resumo do Projeto O CAFÉ É A 2ª COMMODITY MAIS COMERCIALIZADA DO MUNDO. O BRASIL POR SUA VEZ, FIGURA COMO O MAIOR PRODUTOR E EXPORTADOR MUNDIAL, E É O 2º MAIOR CONSUMIDOR. APESAR DE SUA RELEVÂNCIA, O DEPARTAMENTO DE INSPEÇÃO DE PRODUTOS DE ORIGEM VEGETAL (DIPOV), ÓRGÃO REGULADOR E FISCALIZADOR DA SECRETARIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA DO MINISTÉRIO DA AGRICULTURA (MAPA), NÃO POSSUI QUALQUERREGULAMENTO TÉCNICO QUE ESTABELEÇA UM PADRÃO OFICIAL DE IDENTIDADE E QUALIDADE PARA O CAFÉ TORRADO E MOÍDO. POR ISSO, FREQUENTEMENTE NAS 2.400 MARCAS COMERCIALIZADAS NO MERCADO INTERNO, ENCONTRAM-SE MISTURADOS MATERIAIS DE MAIS BAIXO CUSTO/QUALIDADE. DENTRE AS ADIÇÕES MAIS COMUNS ESTÃO: CAFÉ DE MENOR PREÇO - CONILON OU ROBUSTA; CAFÉS DE MENOR QUALIDADE ? ESCOLHA COM GRÃOS DEFEITUOSOS COMO: VERDE, PRETO E ARDIDO; ADULTERANTES, TAIS COMO: MILHO, TRIGO, TRIGUILHO, SOJA, TRITICALE, AÇÚCAR MASCAVO, SEMENTES DE AÇAÍ, CEVADA; E IMPUREZAS COMO: CASCAS, PAUS E TORRÕES DE TERRA. PORTANTO, ESTE PROJETO OBJETIVA MAPEAR A QUALIDADE DO CAFÉ TORRADO E MOÍDO COMERCIALIZADO NO PARANÁ EM 2015, E ESTABELECER UM PADRÃO DE IDENTIDADE E QUALIDADE PARA O BRASIL. PARA ISSO, SERÃO EFETUADAS ANÁLISES SENSORIAIS E DE CARBOIDRATOS, VISANDO VERIFICAR A ADIÇÃO DE ADULTERANTES E IMPUREZAS, BEM COMO, AVERIGUAR A POSSIBILIDADE, DE PELO TEOR DE CAFEÍNA ESTABELECER A PROPORÇÃO DE CAFÉ CONILON MISTURADO AO ARÁBICA, EMPREGANDO A CROMATOGRAFIA A LÍQUIDO DE ALTA EFICIÊNCIA (HPLC). ESPERA-SE DESTA FORMA, ENCONTRAR MARCADORES EFICAZES, E COM O USO DE ANÁLISES QUIMIOMÉTRICAS MULTIVARIADAS CONHECER A INFLUÊNCIA DAS ADIÇÕES, CONTRIBUINDO PARA O ESTABELECIMENTO DESTE PERFIL DE QUALIDADE. ESPERA-SE AINDA, POSSIBILITAR A IMPLEMENTAÇÃO DE INSTRUÇÃO NORMATIVA PARA QUE REGULAMENTE O SETOR, TORNANDO A FISCALIZAÇÃO MAIS EFETIVA POR PARTE DOS ÓRGÃOS FISCALIZADORES, MELHORANDO A QUALIDADE DOS PRODUTOS COMERCIALIZADOS, PELA COIBIÇÃO DE FRAUDES, ASSIM COMO, GARANTINDO AO CONSUMIDOR O ACESSO A INFORMAÇÕES SOBRE OS PRODUTOS POR ELE CONSUMIDOS.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (7) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Joao Pereira dos Santos - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Maria de Almeida Silva - Integrante / Giselle Lopes Silva - Integrante / Thais Tiemi Nakahara - Integrante / Caroline Teixeira Lopes - Integrante / Mayara Portieri Alves da Silva - Integrante / ELTON MASSAROLLO - Integrante / DENIS NESTOR DA SILVA - Integrante / FRANCISCO BARBOSA LIMA - Integrante / JOSE LUCAS REZENDE DE PAULA - Integrante / ANDREA ELOISA DA SILVA REIS - Integrante.Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa., Número de produções C, T & A: 8 / Número de orientações: 8

  • 2015 - Atual

    DESENVOLVIMENTO E VALIDAÇÃO DE MÉTODOS PARA DETERMINAÇÃO DE ESOMETRAZOL EM MATÉRIA-PRIMA E FORMAS FARMACÊUTICAS, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09612 Tipo de Cadastro: 18 - PROJETOS CEPE / UEL - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TRABALHO CIENTÍFICO Classificação: Aplicada Término Previsto: 08/07/2018 Área do CNPQ: QUIMICA Desenvolvimento do Projeto Data Situação Motivo 09/07/2015 EM EXECUÇÃO Resumo do Projeto O REFLUXO GASTRESOFÁGICO (DRGE) É UMA DOENÇA CRÔNICA DE PREVALÊNCIA NA POPULAÇÃO ADULTA DO MUNDO OCIDENTAL (10-20%) PRODUZINDO IMPACTO SOCIOECONÔMICO SIGNIFICATIVO. O ESOMEPRAZOL É O MEDICAMENTO CONSIDERADO EFICAZ PARA TRATAR O DRGE, POR INIBIR A ENZIMA K+ATPASE DA BOMBA DE PRÓTONS, BLOQUEANDO A ETAPA FINAL DA SECREÇÃO ÁCIDA GÁSTRICA. EMBORA, COMERCIALIZADO COMO MEDICAMENTO REFERÊNCIA E GENÉRICO, ATÉ O MOMENTO, CONSTATA-SE AUSÊNCIA DE MONOGRAFIA DESCREVENDO MÉTODO PARA O CONTROLE DE QUALIDADE NA FARMACOPEIA BRASILEIRA. A VALIDAÇÃO DE UM MÉTODO VISA ASSEGURAR A CONFIABILIDADE DOS RESULTADOS ANALÍTICOS, SENDO OS PARÂMETROS NORMALMENTE DETERMINADOS: SELETIVIDADE; LINEARIDADE; PRECISÃO; EXATIDÃO; FAIXA LINEAR; ROBUSTEZ; LIMITE DE DETECÇÃO E LIMITE DE QUANTIFICAÇÃO. NESTE TRABALHO, SERÃO DESENVOLVIDOS E VALIDADOS MÉTODOS EMPREGANDO A CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ALTA EFICIÊNCIA (HPLC) E ESPECTROFOTOMETRIA ULTRAVIOLETA (UV), COM AUTOMAÇÃO POR ANÁLISE DE INJEÇÃO EM FLUXO (FIA), VISANDO DETERMINAR O TEOR DE ESOMETRAZOL EM MATÉRIA-PRIMA E COMPRIMIDOS. PRETENDE-SE CONTRIBUIR PARA O CONTROLE DE QUALIDADE DO MEDICAMENTO, GARANTINDO A EFICÁCIA DO TRATAMENTO E COLABORANDO COM A QUALIDADE DE VIDA DE PORTADORES DE DOENÇA DO REFLUXO GASTRESOFÁGICO.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / Mirela Fulgencio Rabito - Integrante / Marlene Maria Fregonezi Nery - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Alan Carlos Correa - Integrante / Jessica Vertuan Rufino - Integrante / Fernando Cesar Queiroz da Silva - Integrante / Felipe Braga Trombeta - Integrante / Lúcio César de Almeida - Integrante., Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 3

  • 2015 - Atual

    CELULOSE BACTERIANA: PRODUÇÃO E APLICAÇÕES BIOMÉDICAS, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 10160 Tipo de Cadastro: 17 - ÓRGÃOS EXTERNOS DE FOMENTO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TRABALHO CIENTÍFICO Classificação: Básica Término Previsto: 16/12/2018 Área do CNPQ: CIENCIA E TECNOLOGIA DE ALIMENTOS 17/12/2015 EM EXECUÇÃO Resumo do Projeto O PROJETO É PARTE INTEGRANTE DE UM MACROPROJETO INICIADO NO ANO DE 2013, PRODUÇÃO DE FERMENTADO ACÉTICO A PARTIR DO MELAÇO DE SOJA, MESTRADO DO ALUNO ORIENTADO E COORIENTADO PELAS PROFAS DO DCTA/CCA/UEL. O OBJETIVO ERA AVALIAR A UTILIZAÇÃO DO MELAÇO DE SOJA PARA A PRODUÇÃO DE FERMENTADO ACÉTICO, PELO PROCESSO SUBMERSO. FOI ESTUDADO O RENDIMENTO DA FERMENTAÇÃO ALCOÓLICA, EM CONCENTRAÇÕES INICIAS DE MELAÇO DE SOJA DE 20, 25 E 30 ºBRIX, EM CONDIÇÃO ESTÁTICA OU SOB AGITAÇÃO. A MÁXIMA PRODUÇÃO DE ETANOL FOI DE 47,56 G/L PARA A FERMENTAÇÃO SOB AGITAÇÃO. A PARTIR DO FERMENTADO ALCOÓLICO DE MELAÇO DE SOJA, FOI PRODUZIDO O FERMENTADO ACÉTICO E ACOMPANHADO OITO CICLOS FERMENTATIVOS. A ACIDEZ MÉDIA DOS FERMENTADOS FOI DE 50,70 G/L COM RENDIMENTO EM ÁCIDO ACÉTICO (YAA), RENDIMENTO EM CONCENTRAÇÃO TOTAL (YCT) E PRODUTIVIDADE MÉDIA (PAA) DE 65,02, 92,76% E 0,033G/L/H, RESPECTIVAMENTE. OBSERVOU-SE A FORMAÇÃO DE UM ESPESSO POLÍMERO (CELULOSE BACTERIANA). A 2a ETAPA DO ESTUDO VISA À PRODUÇÃO CONSORCIADA DE ÁCIDO ACÉTICO E CELULOSE, POR BACTÉRIAS ACÉTICAS, A PARTIR DE MELAÇO DE SOJA PARA EXECUÇÃO EXPERIMENTAL E OBTENÇÃO DO TÍTULO DE MESTRE DO ALUNO RODRIGO JOSÉ GOMES. A PROPOSTA CENTRA-SE EM ESTUDAR E OTIMIZAR A PRODUÇÃO CONCOMITANTE, DE ÁCIDO ACÉTICO E DA CELULOSE, POR BACTÉRIAS ACÉTICAS, AVALIANDO O MÉTODO LENTO DE PRODUÇÃO DE VINAGRE, A PARTIR DO MELAÇO DE SOJA. INVESTIGAR O EFEITO DAS VARIÁVEIS TEMPERATURA E RELAÇÃO ENZIMA/SUBSTRATO NA OTIMIZAÇÃO DA HIDRÓLISE ENZIMÁTICA DO MELAÇO PARA POSTERIOR FERMENTAÇÃO ALCOÓLICA E ACÉTICA. IDENTIFICAR E CARACTERIZAR MOLECULARMENTE AS CEPAS BACTERIANAS ISOLADAS, RESPONSÁVEIS PELA BIOCONVERSÃO E COM MAIORES POTENCIAIS DE PRODUÇÃO DO POLÍMERO, ATRAVÉS DA AMPLIFICAÇÃO DE REGIÃO DO DNA RIBOSSOMAL, SEGUIDO DE SEQUENCIAMENTO. CARACTERIZAR A COMPOSIÇÃO DE ÁCIDOS VOLÁTEIS NO FERMENTADO, POR CROMATOGRAFIA E ESPECTROMETRIA DE MASSAS E POR RESSONÂNCIA MAGNÉTICA NUCLEAR. CARACTERIZAR A CELULOSE POR ESPECTROSCOPIA DE INFRAVERMELHO, MICROSCOPIA ELETRÔNICA DE VARREDURA, MICROSCOPIA DE FORÇA ATÔMICA, DIFRATOMETRIA DE RAIO X E RESSONÂNCIA MAGNÉTICA NUCLEAR. COMPARAR ESTE ESTUDO COM OUTROS DESENVOLVIDOS QUE ENVOLVAM OS MECANISMOS DE SÍNTESE DO BIOPOLÍMERO E OS ASPECTOS RELACIONADOS COM SUA ESTRUTURA E PROPRIEDADES. ESTA PRODUÇÃO SIMULTÂNEA PODE VIABILIZAR ECONOMICAMENTE A PRODUÇÃO DE CELULOSE, UMA VEZ QUE OS RENDIMENTOS AINDA SÃO CONSIDERADOS BAIXOS E TAMBÉM AGREGAR VALOR À INDÚSTRIA PRODUTORA DE FERMENTADOS ACÉTICOS. O MESMO FAZ PARTE COMO PLANO DE AÇÃO (PA3), DO MACROPROGRAMA 2, INTITULADO CELULOSE BACTERIANA: PRODUÇÃO E APLICAÇÕES BIOMÉDICAS, DA LINHA NANOTECNOLOGIA NO AGRONEGÓCIO: NOVAS FRONTEIRAS CONTEXTUALIZADAS ÀS NECESSIDADES, DA EMBRAPA. SÃO PARTICIPANTES AS UNIDADES DA EMBRAPA, CNPAT, CTAA E CNPSO, QUATRO UNIVERSIDADES (UFC, UFF, UNICAMP, UEL) E INMETRO. O PA3 DA UEL, SERÁ O RESPONSÁVEL PELAS ATIVIDADES RELACIONADAS À PRODUÇÃO DE CB DE MELAÇO DE SOJA, UTILIZANDO ROTA ACÉTICA, POR MEIO DE ESPÉCIES DO GÊNERO GLUCONOBACTER SP. AS ATIVIDADES DO GRUPO DO DCTA SÃO OBTENÇÃO DA MATÉRIA-PRIMA JUNTO ÀS INDÚSTRIAS PRODUTORAS, REMESSA DO MATERIAL PARA OS PARTICIPANTES DO GRUPO, CARACTERIZAÇÃO QUÍMICA DA MATÉRIA PRIMA, COLETA, ISOLAMENTO E SELEÇÃO DOS MICRORGANISMOS DE UNIDADES PRODUTORAS DE VINAGRE, BEM COMO O ESTUDO DO PROCESSO FERMENTATIVO. IDENTIFICAÇÃO E CARACTERIZAÇÃO DE CEPAS ISOLADAS SERÁ EXECUTADA NO DEPARTAMENTO DE BIOLOGIA E GENÉTICA CARACTERIZAÇÕES DA CB E DOS FERMENTADOS ACÉTICOS SERÃO EXECUTADOS NOS LABORATÓRIOS DO DEPARTAMENTO DE BIOQUÍMICA. O PA3 É FINANCIADO COM RECURSOS DA EMBRAPA, NO VALOR DE R$ 90.325,00. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (4) / Doutorado: (5) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / Elza Iouko Ida - Integrante / Wilma Aparecida Spinosa - Coordenador / JOSE MARCOS GONTIJO MANDARINO - Integrante / CESAR AUGUSTO TISCHER - Integrante / DIEGO GALVAN - Integrante / FERNANDA GARCIA DE ALMEIDA - Integrante / FERNANDA SILVA FARINAZZO - Integrante / GEOVANA PIVETA RIBEIRO - Integrante / LAURIVAL ANTONIO VILAS BOAS - Integrante / MARIANA ASSIS DE QUEIROZ C.. - Integrante / RODRIGO JOSÉ GOMES - Integrante / TAMARA MACIEL MACHADO - Integrante.Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2014 - 2016

    DESENVOLVIMENTO DE DISPOSITIVO PARA EXTRAÇÃO AUTOMATIZADA POR HPLC, Descrição: Desenvolvimento de barra sortiva para clea-up e pre concentração de analitos de interesse entre eles a fluoxetina. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante., Número de produções C, T & A: 9

  • 2014 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE SISTEMA CROMATOGRÁFICO IÔNICO MINIATURIZADO COM PREPARO DE AMOSTRA AUTOMATIZADO E MÉTODO QUIMIOMÉTRICO PARA AVALIAÇÃO DA QUALIDADE DO CAFÉ POR ESPECTROSCOPIA NIR E UPLC®-MS/MS, Descrição: Cadastrado na PROPPG/UEL sob o número 09924 Tipo de Cadastro: 20 - PROJETOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TESE DE DOUTORADO Classificação: Aplicada Término Previsto: 23/02/2018 Área do CNPQ: QUIMICA Resumo do Projeto DESDE QUE FOI INTRODUZIDA NO INÍCIO DO SÉCULO XX, A CROMATOGRAFIA VEM SOFRENDO GRANDES AVANÇOS. PORÉM, A MINIATURIZAÇÃO DE SISTEMAS CROMATOGRÁFICOS, APESAR DE SER CONSIDERADA UM RAMO PROMISSOR, CONTINUA BASTANTE LENTA. ESTA AINDA NÃO ALCANÇOU AMPLA DIFUSÃO, SENDO QUE O NÚMERO DE GRUPOS DE PESQUISA QUE DESENVOLVEM TRABALHOS NESSA ÁREA É BASTANTE RESTRITO. UM DOS LIMITANTES DESSE AVANÇO ESTÁ NA DIFICULDADE DE SE DESENVOLVER EQUIPAMENTOS ADEQUADOS, TÉCNICAS DE PREPARO DE AMOSTRAS, COLUNAS APROPRIADAS E SISTEMAS DE AQUISIÇÃO DE DADOS PASSÍVEIS DE APLICAÇÃO EM SISTEMAS MINIATURIZADOS. APESAR DE MUITOS DESSES PROBLEMAS POSSUÍREM RELATIVA FACILIDADE DE RESOLUÇÃO, AINDA NÃO SE DISPÕE DE EQUIPAMENTOS COMERCIALMENTE DISPONÍVEIS QUE SUPRAM AS CONDIÇÕES IMPOSTAS POR SISTEMAS MINIATURIZADOS EM SUA TOTALIDADE. ESTA DEMANDA PRECISA SER SUPRIDA PARA QUE SE POSSA USUFRUIR DE VANTAGENS COMO: MENOR CONSUMO DE SOLVENTES, UTILIZAÇÃO DE PEQUENOS VOLUMES DE AMOSTRA E, AUMENTO DE SENSIBILIDADE, INTRÍNSECOS À MINIATURIZAÇÃO DA CROMATOGRAFIA LÍQUIDA, REPRESENTANDO REDUÇÃO NO TRATAMENTO DOS RESÍDUOS, APELO IMPOSTO PELA QUÍMICA VERDE. SEGUINDO A MESMA LINHA, MÉTODOS QUE GEREM MENORES PASSÍVEIS AMBIENTAIS PRECISAM SER DESENVOLVIDOS. DURANTE AS DUAS ÚLTIMAS DÉCADAS AS ANÁLISES ESPECTRAIS POR INFRAVERMELHO PRÓXIMO (NIR), TEM SE DESTACADO COMO FERRAMENTA ANALÍTICA CONFIÁVEL E PROMISSORA PARA A AVALIAÇÃO DE ATRIBUTOS DE QUALIDADE. ESSA TÉCNICA, CONJUGADA COM FERRAMENTAS QUIMIOMÉTRICAS, APRESENTAM POTENCIAL NA OBTENÇÃO DE FORMA RÁPIDA DA COMPOSIÇÃO QUÍMICA E PROPRIEDADES RELACIONADAS Á DIVERSAS MATRIZES ALIMENTARES. PELO FATO DO CAFÉ SER A SEGUNDA COMMODITY DE MAISALTO VALOR ECONÔMICO, COSTUMA SOFRER ADULTERAÇÃO, COM ADIÇÃO DE DIVERSOS GRÃOS OU MATERIAIS DE MAIS BAIXO CUSTO, DEPENDENDO DA DISPONIBILIDADE E/OU COTAÇÃO DESTES NO MERCADO. ENTRETANTO, HÁ CARÊNCIA DE MÉTODOS ANALÍTICOS NÃO DESTRUTÍVEIS, CAPAZES DE SUPRIR A DEMANDA DE MERCADO FORNECENDO RESULTADOS RÁPIDOS E CONFIÁVEIS, PARA A VERIFICAÇÃO DA SUA QUALIDADE. VISANDO A RESOLUÇÃO DOS PROBLEMAS EXPOSTOS, ESTE ESTUDO OBJETIVA O DESENVOLVIMENTO INSTRUMENTAL DE UM SISTEMA CROMATOGRÁFICO IÔNICO MINIATURIZADO COM MÓDULO DE EXTRAÇÃO E PREPARO DE AMOSTRAS AUTOMATIZADO, DE UM MÉTODO PARA O ESTUDO DE ADULTERAÇÕES EM CAFÉ EMPREGANDO ESPECTROSCOPIA NIR E QUIMIOMETRIA E, DE UM MÉTODO PARA DISTINÇÃO ENTRE CAFÉ ROBUSTA E ARÁBICA UTILIZANDO CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ULTRA ALTA PERFORMANCE ACOPLADA A DETECTOR DE MASSAS (UPLC®-MS/MS).. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Maria de Almeida Silva - Integrante.Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Companhia Cacique de Café Solúvel - Cooperação., Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 6

  • 2014 - Atual

    PROTIUM PILOSUM (TETRAGASTRIS PILOSA) DA FAMÍLIA BUCERACEA: MARCADORES COM POTENCIAL ATIVIDADE ANTIMALÁRIA E ANTILESHMANIA, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09186 Tipo de Cadastro: 20 - PROJETOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: DISSERTAÇÃO DE MESTRADO Classificação: Aplicada Término Previsto: 16/08/2016 Resumo do Projeto OS NÍVEIS DE PESSOAS INFECTADAS POR DOENÇAS NEGLIGENCIADAS COMO MALÁRIA E LEISHMANIOSE SÃO ALARMANTES NO BRASIL. UM DOS FATORES É O CRESCIMENTO POPULACIONAL DESORDENADO, QUE ACARRETA NÃO SÓ PROBLEMAS SOCIOECONÔMICOS, MAS TAMBÉM AMBIENTAIS. ATRELADAS À ESTE, A FALTA DE SANEAMENTO BÁSICO SÃO FATORES QUE CONTRIBUEM PARA UM AMBIENTE PROPICIO AO CRESCIMENTO DOS VETORES DA DOENÇA, E DESTA FORMA, PARA O AUMENTO DO NÚMERO DE CASOS DE PESSOAS INFECTADAS. ATUALMENTE NÃO EXISTE VACINA CONTRA A MALÁRIA E A LEISHMANIOSE, E NEM TRATAMENTOS EFICAZES E ATÓXICOS. UMA ALTERNATIVA CORRIQUEIRA UTILIZADA POR COMUNIDADES NA REGIÃO AMAZÔNICA É O USO DO EXTRATO DE PLANTAS QUE COMBATEM OS SINTOMAS DA MALÁRIA E LEISHMANIOSE, UMAS DELAS É A P. PILOSUM, CONHECIDA POPULARMENTE COMO BREU BRANCO. ASSIM, BASEADO NO USO POPULAR DA P. PILOSUM, BUSCA-SE NESTE TRABALHO IDENTIFICAR EVIDÊNCIAS CIENTÍFICAS DA SUA EFICÁCIA, POR MEIO DO ESTUDO DE EXTRATOS OBTIDOS DO P. PILOSUM FRENTE AOS PROTOZOÁRIOS. A OBTENÇÃO DOS EXTRATOS SERÁ REALIZADA POR DIVERSOS MÉTODOS, TAIS COMO MACERAÇÃO, SOXHLET, ULTRA-SOM E CROMATOGRAFIA POR COLUNA DE FRACIONAMENTO. O EXTRATO QUE APRESENTAR MAIOR POTENCIAL EM TERMOS DE PRINCÍPIOS ATIVOS SERÁ AVALIADO POR CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ALTA EFICIÊNCIA. PRETENDE-SE COM ESTE TRABALHO AVANÇAR NO CONHECIMENTO DOS COMPONENTES DESTA PLANTA, VERIFICANDO A ATIVIDADE FRENTE AOS AGENTES ETIOLÓGICOS DA MALÁRIA E DA LEISHMANIOSE.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (2) Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Agerdânio Andrade De Souza - Integrante., Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 3

  • 2014 - Atual

    TÉCNICAS EXTRATIVAS PARA ANÁLISE DE PESTICIDAS, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09923 Tipo de Cadastro: 20 - PROJETOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TESE DE DOUTORADO Classificação: Aplicada Término Previsto: 23/02/2018 Área do CNPQ: QUIMICA Resumo do Projeto COM O CRESCIMENTO CONTÍNUO DO AGRONEGÓCIO BRASILEIRO, O CONSUMO DE AGROTÓXICOS E A POLUIÇÃO, POR ESTE CAUSADA, TENDEM A SEGUIR A MESMA PROJEÇÃO DE CRESCIMENTO. SABE-SE QUE O CONTATO DIRETO OU INDIRETO COM ESTE TIPO DE PRODUTO TRAZ CONSEQUÊNCIAS Á LONGO PRAZO PARA A SAÚDE. SENDO ASSIM, UM CONTROLE AMBIENTAL RÍGIDO DEVE SER REALIZADO, OBJETIVANDO O USO DE ANÁLISES RÁPIDAS, DE FÁCIL EXECUÇÃO E COM MENOR GERAÇÃO DE RESÍDUOS. TÉCNICAS CONSAGRADAS COMO A EXTRAÇÃO LÍQUIDO-LÍQUIDO (LLE) VÊM PERDENDO ESPAÇO PARA AS QUE UTILIZAM MENOS SOLVENTES, COMO EXTRAÇÃO FASE SÓLIDA (SPE), E PARA OUTRAS QUE SEGUEM AS TENDÊNCIAS DE MINIATURIZAÇÃO E AUTOMAÇÃO ANALÍTICA. NESTE CONTEXTO DESTACA-SE A EXTRAÇÃO SORTIVA EM BARRA DE AGITAÇÃO MAGNÉTICA (SBSE) QUE UTILIZA UMA FASE POLIMÉRICA, PARA QUAL O ANALITO É TRANSFERIDO. O DESENVOLVIMENTO DE METODOLOGIAS EXTRATIVAS AINDA É UM DESAFIO, DEVIDO A GRANDE QUANTIDADE DE FATORES ANALÍTICOS CRÍTICOS E INTERFERENTES NAS MATRIZES AMOSTRAIS. O USO DE PLANEJAMENTOS EXPERIMENTAIS POR SUA VEZ, BUSCA A OTIMIZAÇÃO DESSAS METODOLOGIAS AO ESTUDAR AS INTERAÇÕES CRÍTICAS DE ANÁLISE. SENDO ASSIM, AO SE PROPOR NOVAS METODOLOGIAS ESSE ESTUDO FAVORECE A OBTENÇÃO DE MÉTODOS MAIS ROBUSTOS, SELETIVOS E COM CAPACIDADE EXTRATIVA ADEQUADA À NECESSIDADE À APLICAÇÃO NO CONTROLE AMBIENTAL COMO DE PESTICIDAS.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Caroline Teixeira Lopes - Integrante.Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Auxílio financeiro / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa., Número de produções C, T & A: 8 / Número de orientações: 4

  • 2013 - Atual

    PROGRAMA NACIONAL DE COOPERAÇÃO ACADÊMICA - PROCAD/2013 - INTEGRAÇÃO EM QUÍMICA, Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Doutorado: (3) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / ALESSANDRA MAFFEI MONTEIRO - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Emanuel Carrilho - Integrante / Lycio Shinji Watanabe - Integrante.Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 27

  • 2012 - 2015

    TESTE DE DISSOLUÇÃO E DOSEAMENTO DO TENOFOVIR - FÁRMACO UTILIZADO NO TRATAMENTO DE AIDS E HEPATITE B, Descrição: Sistema automatizado controlado por sofwtare para fazer a dissolução de comprimidos. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / Andréa Diniz - Integrante / Marlene Maria Fregonezi Nery - Integrante / VINICIUS RICARDO ACQUARO JUNIOR - Integrante / Alan Carlos Correa - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 9

  • 2011 - 2013

    AVALIAÇÃO DA INFLUÊNCIA DA TORRA,PROCEDÊNCIA, VARIEDADE E DEFEITOS NOS TEORES DE CARBOIDRATOS UTILIZADOS PARA ATESTAR ADULTERAÇÃO EM CAFÉ TORRADO E MOÍDO, Descrição: Averiguar fraudes no café torrado e moído. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / Julia Estéfane Martins de Abreu - Integrante., Número de produções C, T & A: 18

  • 2009 - 2013

    DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS DE TRATAMENTO DE EFLUENTES POR ELETROCOAGULAÇÃO/ELETROFLOTAÇÃO PARA REUSO DE ÁGUA, Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (6) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / Ilza Lobo - Coordenador.Financiador(es): Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2012

    SISTEMA DE MEDIÇÃO DE UMIDADE BASEADO NA REFLEXÃO DIFUSA NO INFRAVERMELHO PRÓXIMO, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) José Alexandre de França em 03/04/2018., Descrição: NIR portatil testado em café soluvel para determinação de umidade home-made em parceria com a eletrica. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento.

  • 2008 - Atual

    Dispositivos, métodos e sistemas instrumentais para triagem e determinação de adulterantes na cadeia do leite, Descrição: Projeto de Bolsa Produtividade CNPq - DT-2 enviado em 2017 e aprovado em fevereiro de 2018 por 36 meses R$ 1100 por mes Desenvolver diferentes tipos de soluções para controle de substâncias adicionadas para fraudar a cadeia do leite. Primeiramente, criar dispositivos (kits, spot test em placas/papel) para efetuar testes rápidos e simples, capazes de triar as adulterações na cadeia do leite. Segundo, desenvolver sistemas instrumentais automatizados para detecção simultânea colorimétrica e semi-quantitativa dos adulterantes, baseadas em imagens digitais, obtidas por scanner, webcam e smartphone. Terceiro, desenvolver métodos de referência empregando a cromatografia líquida de alta eficiência para assegurar a quantificação confiável e eficiente dos adulterantes adicionados ao leite.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Doutorado: (5) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Lycio Shinji Watanabe - Integrante / Yuri Renan Bovolenta - Integrante / Renan Mendes Ruiz - Integrante / Caroline Teixeira Lopes - Integrante / Mayara Portieri Alves da Silva - Integrante / Ana Heloisa Fonseca Ayala - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2007 - 2011

    AVALIAÇÃO FARMACOCINÉTICA DE FLAVONÓIDES A PARTIR DE EXTRATO PADRONIZADO DE ARNICA-DA-SERRA (LYCHNOPHORA ERICOIDES), Descrição: OS ESTUDOS SOBRE A FARMACOCINÉTICA DE PRODUTOS NATURAIS AINDA É MUITO ESCASSO. AS INFORMAÇÕES DE COMO ALGUNS PRODUTOS DE ORIGEM VEGETAL, COMO OS FLAVONÓIDES, SÃO ABSORVIDOS É ESSENCIAL PARA O ESCLARECIMENTO DO MECANISMO DE AÇÃO DESSES COMPOSTOS. A LYCHNOPHORA ERICOIDES É BASTANTE ESTUDADA E MOSTROU-SE EFICAZ NA AÇÃO ANTINFLAMATÓPRIA, SENDO ESSA ATIVIDADE ATRIBUÍDA AO FLAVONÓIDE. MAS A PRODUÇÃO DE MEDICAMENTOS A PARTIR DESSE PRODUTO ISOLADO OU EM EXTRATO ENRIQUECIDO NECESSITA PRIMEIRO DA AVALIAÇÃO DE QUAL OU QUAIS PRODUTOS REALMENTE SÃO ABSORVIDOS E PORTANTO SERIAM OS RESPONSÁVEIS PELA AÇÃO. A PARTIR DE ENSAIOS DE ABSORÇÃO, METABOLISMO E ATIVIDADE DE UM EXTRATO ENRIQUECIDO COM VICENINA-2 PRETENDE ESCLARECER ESSA DÚVIDA E AMPLIAR A POSSIBILIDADE DE TERMOS MAIS UM MEDICAMENTO FITOTERÁPICO INTEIRAMENTE NACIONAL. TODOS OS ENSAIOS DE ATIVIDADE ANTINFLAMATÓRIA DO EXTRATO SERÃO REALIZADOS IN VITRO, POR MEIO DE DOSEAMENTO DA INIBIÇÃO DA PRODUÇÃO DE ÓXIDO NÍTRICO CELULAR. OS ENSAIOS DE ATIVIDADE ANALGÉSICAS SERÃO REALIZADOS UTILIZANDO TÉCNICAS CLÁSSICAS DE CONTORÇÃO DE CAMUNDONGOS APÓS A ADMINISTRAÇÃO DE ÁCIDO ACÉTICO E HOT PLATE. SERÁ AVALIADA TAMBÉM A TOXICIDADE AGUDA DO EXTRATO. O PERFIL DE ABSORÇÃO SERÁ AVALIADO UTILIZANDO TÉCNICAS CROMATOGRÁFICAS. PARALELAMENTE SERÁ AVALIADO POR ESPECTROMETRIA DE MASSAS QUAIS OS METABÓLICOS FORMADOS E/OU ABSORVIDOS, DEMONSTRANDO ASSIM SE O FLAVONÓIDE É ATIVO OU SEUS METABÓLITOS.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (10) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Andréa Diniz - Integrante / Jaqueline Tobias de Moraes - Integrante / Diego Soares Domingues - Integrante / Matheus Sampaio Goveia - Integrante / Phileno Pinge Lopes - Integrante / Patrick Juliano Alves Gomes wietchorek - Integrante / Gabriela Amaral Buqui - Integrante / Franciele Barbieri - Integrante / Barbara Sthefani Caldas - Integrante / Francisco Granziera Junior - Integrante / Julia Estéfane Martins de Abreu - Integrante / Gisely C. Lopes - Integrante / Raphael Faglioni Pereira - Integrante / Norberto Peporine Lopes - Integrante / MASSURA, FRANCYS W. - Integrante / Alan Carlos Correa - Integrante.Financiador(es): Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 56

  • 2004 - 2008

    MONITORAMENTO E CONTROLE AUTOMATICADO DO PH, CONDUTIVIDADE E NITRATO DOS NUTRIENTES DA SOLUÇÃO EMPREGADA NO CULTIVO DA ALFACE HIDROPÔNICA, Descrição: Sistema para cultivo de alface hidropônica totalmente automatizado com desenvolvimento de instrumentação e software para acionamento de válvulas solenoides e monitoramento via rede de pH, condutividade e e temperatura.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / JOÃO CARLOS ALVES - Integrante / HIDEAKI WILSON TAKAHASHI - Integrante / Diego Soares Domingues - Integrante.Financiador(es): Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 22

  • 2000 - 2001

    SISTEMA DE DILUICAO "ON-LINE" PARA CROMATOGRAFIA LIQUIDA, Descrição: O sistema previa uma automatização feita pelo acionamento de válvulas solenoides de baixa pressão comandadas por software home-made. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (1) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante.Financiador(es): Universidade Estadual de Londrina - Outra., Número de produções C, T & A: 2

  • 1999 - 2004

    DESENVOLVIMENTO METODOLOGICO E AUTOMACAO INSTRUMENTAL PARA DETERMINACAO DE CARBOIDRATOS EM CAFE., Descrição: PROJETO DE INSTRUMENTAÇÃO DESENVOLVIDO COM FINANCIAMENTO DO PADCTIII.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / LUIZ HENRIQUE MAZO - Integrante / FERNANDO MAURO LANÇAS - Integrante / PAULO LAURO CORREA DE OLIVEIRA - Integrante.Financiador(es): Financiadora de Estudos e Projetos - Auxílio financeiro / Companhia Cacique de Café Solúvel - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 54

  • 2018 - Atual

    Dispositivos, métodos e sistemas instrumentais para triagem e determinação de adulterantes na cadeia do leite, Descrição: Projeto de Bolsa Produtividade CNPq - DT-2 enviado em 2017 e aprovado em fevereiro de 2018 por 36 meses R$ 1100 por mes Desenvolver diferentes tipos de soluções para controle de substâncias adicionadas para fraudar a cadeia do leite. Primeiramente, criar dispositivos (kits, spot test em placas/papel) para efetuar testes rápidos e simples, capazes de triar as adulterações na cadeia do leite. Segundo, desenvolver sistemas instrumentais automatizados para detecção simultânea colorimétrica e semi-quantitativa dos adulterantes, baseadas em imagens digitais, obtidas por scanner, webcam e smartphone. Terceiro, desenvolver métodos de referência empregando a cromatografia líquida de alta eficiência para assegurar a quantificação confiável e eficiente dos adulterantes adicionados ao leite.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (5) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Lycio Shinji Watanabe - Integrante / Yuri Renan Bovolenta - Integrante / Renan Mendes Ruiz - Integrante / Caroline Teixeira Lopes - Integrante / Mayara Portieri Alves da Silva - Integrante / Ana Heloisa Fonseca Ayala - Integrante / William Magalhães - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

  • 2016 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE METODOLOGIA RÁPIDA PARA DETECÇÃO DE FORMOL NO LEITE, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Vanerli Beloti em 13/05/2016., Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 10191 Tipo de Cadastro: 18 - PROJETOS CEPE / UEL - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: INOVAÇÃO TECNOLÓGICA Classificação: Aplicada Processo: / Relatório: Término Previsto: 27/04/2017 Área do CNPQ: MEDICINA VETERINARIA Resumo do Projeto A QUALIDADE DO LEITE CONSUMIDO É UMA CONSTANTE PREOCUPAÇÃO DOS TÉCNICOS E AUTORIDADES LIGADOS À ÁREA DE SAÚDE E LATICÍNIOS BEM COMO DOS CONSUMIDORES. UM DOS PROBLEMAS MAIS GRAVES SÃO AS DIVERSAS FRAUDES QUE CAUSAM PREJUÍZOS ECONÔMICOS, RISCOS À SAÚDE DOS CONSUMIDORES E PROBLEMAS TECNOLÓGICOS PARA AS INDÚSTRIAS. O LEITE É UM DOS ALIMENTOS QUE MAIS COMUMENTE SOFRE ADULTERAÇÕES E O CONSIDERA-SE FRAUDADO QUANDO OCORRE O DESNATE ANTES DE SEU PROCESSAMENTO OU QUANDO SÃO ADICIONADAS SUBSTÂNCIAS PROIBIDAS PELA LEGISLAÇÃO OU DE QUAISQUER ELEMENTOS ESTRANHOS A SUA COMPOSIÇÃO. AS FRAUDES NO LEITE TÊM COMO OBJETIVOS PRINCIPAIS AUMENTAR O VOLUME E CONTROLAR AS ALTERAÇÕES PROVOCADAS PELOS MICRORGANISMOS. A ADIÇÃO DE CONSERVANTES É UMA FRAUDE RELACIONADA À CONTAMINAÇÃO DO LEITE. SÃO UTILIZADAS DIVERSAS SUBSTÂNCIAS PARA ESTE FIM, E DENTRE ELAS, O FORMALDEÍDO, TENDO COMO OBJETIVO PRINCIPAL A REDUÇÃO OU ELIMINAÇÃO DE MICRORGANISMOS PRESENTES NO LEITE, PREVENINDO AS ALTERAÇÕES DECORRENTES DE SUA MULTIPLICAÇÃO. O FORMOL É CONSIDERADO ALTAMENTE TÓXICO AO SER INGERIDO, INALADO OU EM CONTATO COM A PELE, POR VIA INTRAVENOSA, INTRAPERITONEAL OU SUBCUTÂNEA, POIS PROMOVE MUTAÇÃO EM CÉLULAS SADIAS TRANSFORMANDO-AS EM CÉLULAS CARCINOGÊNICAS. POR ESTE MOTIVO, ESTA SUBSTÂNCIA FOI PROIBIDA DE SER USADA EM VÁRIOS SETORES, COMO O DE BELEZA, COSMÉTICO E ALIMENTÍCIO. E, NOS SETORES EM QUE É AINDA UTILIZADA, EXISTE UM LIMITE LEGAL DE EXPOSIÇÃO DO FORMOL AO HOMEM, O QUAL SE NÃO OBEDECIDO PODE LEVAR A EFEITOS PREJUDICIAIS À SAÚDE, ALÉM DE MULTAS ÀS EMPRESAS. ATUALMENTE, A ANÁLISE DE FORMOL EM LEITE ENCONTRA-SE ESPECIFICADA NA INSTRUÇÃO NORMATIVA N° 68/2006, NO TÓPICO MÉTODOS ANALÍTICOS FÍSICO-QUÍMICOS OFICIAIS PARA LEITE E PRODUTOS LÁCTEOS. A PROVA EXIGE A DESTILAÇÃO DO LEITE, É DEMORADA E LABORIOSA, O QUE DIFICULTA SUA EXECUÇÃO NA RECEPÇÃO DO LEITE, DE FORMA QUE EVITE SUA ENTRADA NA INDÚSTRIA. A NORMA CLASSIFICA O MÉTODO COMO QUALITATIVO, INDICANDO SE HÁ OU NÃO A PRESENÇA DO CONSERVANTE NO PRODUTO. RECENTEMENTE, NAS OPERAÇÕES LEITE COMPENSADO, O FARMACÊUTICO FABIANO BARRETO, UM DOS SUPERVISORES TÉCNICOS DO LABORATÓRIO NACIONAL AGROPECUÁRIO NO RIO GRANDE DO SUL, AFIRMOU QUE UTILIZANDO ESTE MÉTODO OFICIAL EM 60 AMOSTRAS DE LEITE, DEMOROU CERCA DE 15 DIAS PARA AVALIAR A PRESENÇA OU NÃO DE FORMOL, OU SEJA, APROXIMADAMENTE 4 AMOSTRAS/DIA. ASSIM, A INDÚSTRIA DE LATICÍNIOS TEM A NECESSIDADE DE PROVAS QUE PERMITAM A DETECÇÃO DE RESÍDUOS DE FORMOL COM MAIOR AGILIDADE E BAIXO CUSTO, PERMITINDO O RASTREAMENTO DE TODO O LEITE RECEBIDO PELA INDÚSTRIA.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (3) Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / Vanerli Beloti - Coordenador / Lycio Shinji Watanabe - Integrante / Yuri Renan Bovolenta - Integrante / NATALIA GONZAGA - Integrante / RONALDO TAMANINI - Integrante / JULIANA MAREZE - Integrante., Financiador(es): LONDRILAB COMERCIO DE PRODUTOS MICROBIOLOGICOS LTDA - EPP - Cooperação., Número de produções C, T & A: 13 / Número de orientações: 1

  • 2015 - 2018

    DESENVOLVIMENTO E VALIDAÇÃO DE MÉTODOS PARA DETERMINAÇÃO DE ESOMETRAZOL EM MATÉRIA-PRIMA E FORMAS FARMACÊUTICAS, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09612 Tipo de Cadastro: 18 - PROJETOS CEPE / UEL - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TRABALHO CIENTÍFICO Classificação: Aplicada Término Previsto: 08/07/2018 Área do CNPQ: QUIMICA Desenvolvimento do Projeto Data Situação Motivo 09/07/2015 EM EXECUÇÃO Resumo do Projeto O REFLUXO GASTRESOFÁGICO (DRGE) É UMA DOENÇA CRÔNICA DE PREVALÊNCIA NA POPULAÇÃO ADULTA DO MUNDO OCIDENTAL (10-20%) PRODUZINDO IMPACTO SOCIOECONÔMICO SIGNIFICATIVO. O ESOMEPRAZOL É O MEDICAMENTO CONSIDERADO EFICAZ PARA TRATAR O DRGE, POR INIBIR A ENZIMA K+ATPASE DA BOMBA DE PRÓTONS, BLOQUEANDO A ETAPA FINAL DA SECREÇÃO ÁCIDA GÁSTRICA. EMBORA, COMERCIALIZADO COMO MEDICAMENTO REFERÊNCIA E GENÉRICO, ATÉ O MOMENTO, CONSTATA-SE AUSÊNCIA DE MONOGRAFIA DESCREVENDO MÉTODO PARA O CONTROLE DE QUALIDADE NA FARMACOPEIA BRASILEIRA. A VALIDAÇÃO DE UM MÉTODO VISA ASSEGURAR A CONFIABILIDADE DOS RESULTADOS ANALÍTICOS, SENDO OS PARÂMETROS NORMALMENTE DETERMINADOS: SELETIVIDADE; LINEARIDADE; PRECISÃO; EXATIDÃO; FAIXA LINEAR; ROBUSTEZ; LIMITE DE DETECÇÃO E LIMITE DE QUANTIFICAÇÃO. NESTE TRABALHO, SERÃO DESENVOLVIDOS E VALIDADOS MÉTODOS EMPREGANDO A CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ALTA EFICIÊNCIA (HPLC) E ESPECTROFOTOMETRIA ULTRAVIOLETA (UV), COM AUTOMAÇÃO POR ANÁLISE DE INJEÇÃO EM FLUXO (FIA), VISANDO DETERMINAR O TEOR DE ESOMETRAZOL EM MATÉRIA-PRIMA E COMPRIMIDOS. PRETENDE-SE CONTRIBUIR PARA O CONTROLE DE QUALIDADE DO MEDICAMENTO, GARANTINDO A EFICÁCIA DO TRATAMENTO E COLABORANDO COM A QUALIDADE DE VIDA DE PORTADORES DE DOENÇA DO REFLUXO GASTRESOFÁGICO.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / Mirela Fulgencio Rabito - Integrante / Marlene Maria Fregonezi Nery - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Alan Carlos Correa - Integrante / Jessica Vertuan Rufino - Integrante / Fernando Cesar Queiroz da Silva - Integrante / Felipe Braga Trombeta - Integrante / Lúcio César de Almeida - Integrante., Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 3

  • 2015 - 2017

    CELULOSE BACTERIANA: PRODUÇÃO E APLICAÇÕES BIOMÉDICAS, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 10160 Tipo de Cadastro: 17 - ÓRGÃOS EXTERNOS DE FOMENTO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TRABALHO CIENTÍFICO Classificação: Básica Término Previsto: 16/12/2018 Área do CNPQ: CIENCIA E TECNOLOGIA DE ALIMENTOS 17/12/2015 EM EXECUÇÃO Resumo do Projeto O PROJETO É PARTE INTEGRANTE DE UM MACROPROJETO INICIADO NO ANO DE 2013, PRODUÇÃO DE FERMENTADO ACÉTICO A PARTIR DO MELAÇO DE SOJA, MESTRADO DO ALUNO ORIENTADO E COORIENTADO PELAS PROFAS DO DCTA/CCA/UEL. O OBJETIVO ERA AVALIAR A UTILIZAÇÃO DO MELAÇO DE SOJA PARA A PRODUÇÃO DE FERMENTADO ACÉTICO, PELO PROCESSO SUBMERSO. FOI ESTUDADO O RENDIMENTO DA FERMENTAÇÃO ALCOÓLICA, EM CONCENTRAÇÕES INICIAS DE MELAÇO DE SOJA DE 20, 25 E 30 ºBRIX, EM CONDIÇÃO ESTÁTICA OU SOB AGITAÇÃO. A MÁXIMA PRODUÇÃO DE ETANOL FOI DE 47,56 G/L PARA A FERMENTAÇÃO SOB AGITAÇÃO. A PARTIR DO FERMENTADO ALCOÓLICO DE MELAÇO DE SOJA, FOI PRODUZIDO O FERMENTADO ACÉTICO E ACOMPANHADO OITO CICLOS FERMENTATIVOS. A ACIDEZ MÉDIA DOS FERMENTADOS FOI DE 50,70 G/L COM RENDIMENTO EM ÁCIDO ACÉTICO (YAA), RENDIMENTO EM CONCENTRAÇÃO TOTAL (YCT) E PRODUTIVIDADE MÉDIA (PAA) DE 65,02, 92,76% E 0,033G/L/H, RESPECTIVAMENTE. OBSERVOU-SE A FORMAÇÃO DE UM ESPESSO POLÍMERO (CELULOSE BACTERIANA). A 2a ETAPA DO ESTUDO VISA À PRODUÇÃO CONSORCIADA DE ÁCIDO ACÉTICO E CELULOSE, POR BACTÉRIAS ACÉTICAS, A PARTIR DE MELAÇO DE SOJA PARA EXECUÇÃO EXPERIMENTAL E OBTENÇÃO DO TÍTULO DE MESTRE DO ALUNO RODRIGO JOSÉ GOMES. A PROPOSTA CENTRA-SE EM ESTUDAR E OTIMIZAR A PRODUÇÃO CONCOMITANTE, DE ÁCIDO ACÉTICO E DA CELULOSE, POR BACTÉRIAS ACÉTICAS, AVALIANDO O MÉTODO LENTO DE PRODUÇÃO DE VINAGRE, A PARTIR DO MELAÇO DE SOJA. INVESTIGAR O EFEITO DAS VARIÁVEIS TEMPERATURA E RELAÇÃO ENZIMA/SUBSTRATO NA OTIMIZAÇÃO DA HIDRÓLISE ENZIMÁTICA DO MELAÇO PARA POSTERIOR FERMENTAÇÃO ALCOÓLICA E ACÉTICA. IDENTIFICAR E CARACTERIZAR MOLECULARMENTE AS CEPAS BACTERIANAS ISOLADAS, RESPONSÁVEIS PELA BIOCONVERSÃO E COM MAIORES POTENCIAIS DE PRODUÇÃO DO POLÍMERO, ATRAVÉS DA AMPLIFICAÇÃO DE REGIÃO DO DNA RIBOSSOMAL, SEGUIDO DE SEQUENCIAMENTO. CARACTERIZAR A COMPOSIÇÃO DE ÁCIDOS VOLÁTEIS NO FERMENTADO, POR CROMATOGRAFIA E ESPECTROMETRIA DE MASSAS E POR RESSONÂNCIA MAGNÉTICA NUCLEAR. CARACTERIZAR A CELULOSE POR ESPECTROSCOPIA DE INFRAVERMELHO, MICROSCOPIA ELETRÔNICA DE VARREDURA, MICROSCOPIA DE FORÇA ATÔMICA, DIFRATOMETRIA DE RAIO X E RESSONÂNCIA MAGNÉTICA NUCLEAR. COMPARAR ESTE ESTUDO COM OUTROS DESENVOLVIDOS QUE ENVOLVAM OS MECANISMOS DE SÍNTESE DO BIOPOLÍMERO E OS ASPECTOS RELACIONADOS COM SUA ESTRUTURA E PROPRIEDADES. ESTA PRODUÇÃO SIMULTÂNEA PODE VIABILIZAR ECONOMICAMENTE A PRODUÇÃO DE CELULOSE, UMA VEZ QUE OS RENDIMENTOS AINDA SÃO CONSIDERADOS BAIXOS E TAMBÉM AGREGAR VALOR À INDÚSTRIA PRODUTORA DE FERMENTADOS ACÉTICOS. O MESMO FAZ PARTE COMO PLANO DE AÇÃO (PA3), DO MACROPROGRAMA 2, INTITULADO CELULOSE BACTERIANA: PRODUÇÃO E APLICAÇÕES BIOMÉDICAS, DA LINHA NANOTECNOLOGIA NO AGRONEGÓCIO: NOVAS FRONTEIRAS CONTEXTUALIZADAS ÀS NECESSIDADES, DA EMBRAPA. SÃO PARTICIPANTES AS UNIDADES DA EMBRAPA, CNPAT, CTAA E CNPSO, QUATRO UNIVERSIDADES (UFC, UFF, UNICAMP, UEL) E INMETRO. O PA3 DA UEL, SERÁ O RESPONSÁVEL PELAS ATIVIDADES RELACIONADAS À PRODUÇÃO DE CB DE MELAÇO DE SOJA, UTILIZANDO ROTA ACÉTICA, POR MEIO DE ESPÉCIES DO GÊNERO GLUCONOBACTER SP. AS ATIVIDADES DO GRUPO DO DCTA SÃO OBTENÇÃO DA MATÉRIA-PRIMA JUNTO ÀS INDÚSTRIAS PRODUTORAS, REMESSA DO MATERIAL PARA OS PARTICIPANTES DO GRUPO, CARACTERIZAÇÃO QUÍMICA DA MATÉRIA PRIMA, COLETA, ISOLAMENTO E SELEÇÃO DOS MICRORGANISMOS DE UNIDADES PRODUTORAS DE VINAGRE, BEM COMO O ESTUDO DO PROCESSO FERMENTATIVO. IDENTIFICAÇÃO E CARACTERIZAÇÃO DE CEPAS ISOLADAS SERÁ EXECUTADA NO DEPARTAMENTO DE BIOLOGIA E GENÉTICA CARACTERIZAÇÕES DA CB E DOS FERMENTADOS ACÉTICOS SERÃO EXECUTADOS NOS LABORATÓRIOS DO DEPARTAMENTO DE BIOQUÍMICA. O PA3 É FINANCIADO COM RECURSOS DA EMBRAPA, NO VALOR DE R$ 90.325,00. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (4) / Doutorado: (5) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / Elza Iouko Ida - Integrante / Wilma Aparecida Spinosa - Coordenador / JOSE MARCOS GONTIJO MANDARINO - Integrante / CESAR AUGUSTO TISCHER - Integrante / DIEGO GALVAN - Integrante / FERNANDA GARCIA DE ALMEIDA - Integrante / FERNANDA SILVA FARINAZZO - Integrante / GEOVANA PIVETA RIBEIRO - Integrante / LAURIVAL ANTONIO VILAS BOAS - Integrante / MARIANA ASSIS DE QUEIROZ C.. - Integrante / RODRIGO JOSÉ GOMES - Integrante / TAMARA MACIEL MACHADO - Integrante., Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Auxílio financeiro.

  • 2015 - Atual

    AVALIAÇÃO E ESTABELECIMENTO DE PADRÃO OFICIAL BRASILEIRO DA IDENTIDADE E QUALIDADE DO CAFÉ TORRADO E MOÍDO COMERCIAL, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09632 Tipo de Cadastro: 16 - PROJETOS INTEGRADOS - PES/EXT/ENS Tipo de Pesquisa: TRABALHO CIENTÍFICO Classificação: Aplicada Término Previsto: 08/07/2017 Área do CNPQ: QUIMICA Resumo do Projeto O CAFÉ É A 2ª COMMODITY MAIS COMERCIALIZADA DO MUNDO. O BRASIL POR SUA VEZ, FIGURA COMO O MAIOR PRODUTOR E EXPORTADOR MUNDIAL, E É O 2º MAIOR CONSUMIDOR. APESAR DE SUA RELEVÂNCIA, O DEPARTAMENTO DE INSPEÇÃO DE PRODUTOS DE ORIGEM VEGETAL (DIPOV), ÓRGÃO REGULADOR E FISCALIZADOR DA SECRETARIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA DO MINISTÉRIO DA AGRICULTURA (MAPA), NÃO POSSUI QUALQUERREGULAMENTO TÉCNICO QUE ESTABELEÇA UM PADRÃO OFICIAL DE IDENTIDADE E QUALIDADE PARA O CAFÉ TORRADO E MOÍDO. POR ISSO, FREQUENTEMENTE NAS 2.400 MARCAS COMERCIALIZADAS NO MERCADO INTERNO, ENCONTRAM-SE MISTURADOS MATERIAIS DE MAIS BAIXO CUSTO/QUALIDADE. DENTRE AS ADIÇÕES MAIS COMUNS ESTÃO: CAFÉ DE MENOR PREÇO - CONILON OU ROBUSTA; CAFÉS DE MENOR QUALIDADE ? ESCOLHA COM GRÃOS DEFEITUOSOS COMO: VERDE, PRETO E ARDIDO; ADULTERANTES, TAIS COMO: MILHO, TRIGO, TRIGUILHO, SOJA, TRITICALE, AÇÚCAR MASCAVO, SEMENTES DE AÇAÍ, CEVADA; E IMPUREZAS COMO: CASCAS, PAUS E TORRÕES DE TERRA. PORTANTO, ESTE PROJETO OBJETIVA MAPEAR A QUALIDADE DO CAFÉ TORRADO E MOÍDO COMERCIALIZADO NO PARANÁ EM 2015, E ESTABELECER UM PADRÃO DE IDENTIDADE E QUALIDADE PARA O BRASIL. PARA ISSO, SERÃO EFETUADAS ANÁLISES SENSORIAIS E DE CARBOIDRATOS, VISANDO VERIFICAR A ADIÇÃO DE ADULTERANTES E IMPUREZAS, BEM COMO, AVERIGUAR A POSSIBILIDADE, DE PELO TEOR DE CAFEÍNA ESTABELECER A PROPORÇÃO DE CAFÉ CONILON MISTURADO AO ARÁBICA, EMPREGANDO A CROMATOGRAFIA A LÍQUIDO DE ALTA EFICIÊNCIA (HPLC). ESPERA-SE DESTA FORMA, ENCONTRAR MARCADORES EFICAZES, E COM O USO DE ANÁLISES QUIMIOMÉTRICAS MULTIVARIADAS CONHECER A INFLUÊNCIA DAS ADIÇÕES, CONTRIBUINDO PARA O ESTABELECIMENTO DESTE PERFIL DE QUALIDADE. ESPERA-SE AINDA, POSSIBILITAR A IMPLEMENTAÇÃO DE INSTRUÇÃO NORMATIVA PARA QUE REGULAMENTE O SETOR, TORNANDO A FISCALIZAÇÃO MAIS EFETIVA POR PARTE DOS ÓRGÃOS FISCALIZADORES, MELHORANDO A QUALIDADE DOS PRODUTOS COMERCIALIZADOS, PELA COIBIÇÃO DE FRAUDES, ASSIM COMO, GARANTINDO AO CONSUMIDOR O ACESSO A INFORMAÇÕES SOBRE OS PRODUTOS POR ELE CONSUMIDOS.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (7) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Joao Pereira dos Santos - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Maria de Almeida Silva - Integrante / Giselle Lopes Silva - Integrante / Thais Tiemi Nakahara - Integrante / Caroline Teixeira Lopes - Integrante / Mayara Portieri Alves da Silva - Integrante / ELTON MASSAROLLO - Integrante / DENIS NESTOR DA SILVA - Integrante / FRANCISCO BARBOSA LIMA - Integrante / JOSE LUCAS REZENDE DE PAULA - Integrante / ANDREA ELOISA DA SILVA REIS - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa., Número de produções C, T & A: 8 / Número de orientações: 8

  • 2014 - 2017

    PROTIUM PILOSUM (TETRAGASTRIS PILOSA) DA FAMÍLIA BUCERACEA: MARCADORES COM POTENCIAL ATIVIDADE ANTIMALÁRIA E ANTILESHMANIA, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09186 Tipo de Cadastro: 20 - PROJETOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: DISSERTAÇÃO DE MESTRADO Classificação: Aplicada Término Previsto: 16/08/2016 Resumo do Projeto OS NÍVEIS DE PESSOAS INFECTADAS POR DOENÇAS NEGLIGENCIADAS COMO MALÁRIA E LEISHMANIOSE SÃO ALARMANTES NO BRASIL. UM DOS FATORES É O CRESCIMENTO POPULACIONAL DESORDENADO, QUE ACARRETA NÃO SÓ PROBLEMAS SOCIOECONÔMICOS, MAS TAMBÉM AMBIENTAIS. ATRELADAS À ESTE, A FALTA DE SANEAMENTO BÁSICO SÃO FATORES QUE CONTRIBUEM PARA UM AMBIENTE PROPICIO AO CRESCIMENTO DOS VETORES DA DOENÇA, E DESTA FORMA, PARA O AUMENTO DO NÚMERO DE CASOS DE PESSOAS INFECTADAS. ATUALMENTE NÃO EXISTE VACINA CONTRA A MALÁRIA E A LEISHMANIOSE, E NEM TRATAMENTOS EFICAZES E ATÓXICOS. UMA ALTERNATIVA CORRIQUEIRA UTILIZADA POR COMUNIDADES NA REGIÃO AMAZÔNICA É O USO DO EXTRATO DE PLANTAS QUE COMBATEM OS SINTOMAS DA MALÁRIA E LEISHMANIOSE, UMAS DELAS É A P. PILOSUM, CONHECIDA POPULARMENTE COMO BREU BRANCO. ASSIM, BASEADO NO USO POPULAR DA P. PILOSUM, BUSCA-SE NESTE TRABALHO IDENTIFICAR EVIDÊNCIAS CIENTÍFICAS DA SUA EFICÁCIA, POR MEIO DO ESTUDO DE EXTRATOS OBTIDOS DO P. PILOSUM FRENTE AOS PROTOZOÁRIOS. A OBTENÇÃO DOS EXTRATOS SERÁ REALIZADA POR DIVERSOS MÉTODOS, TAIS COMO MACERAÇÃO, SOXHLET, ULTRA-SOM E CROMATOGRAFIA POR COLUNA DE FRACIONAMENTO. O EXTRATO QUE APRESENTAR MAIOR POTENCIAL EM TERMOS DE PRINCÍPIOS ATIVOS SERÁ AVALIADO POR CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ALTA EFICIÊNCIA. PRETENDE-SE COM ESTE TRABALHO AVANÇAR NO CONHECIMENTO DOS COMPONENTES DESTA PLANTA, VERIFICANDO A ATIVIDADE FRENTE AOS AGENTES ETIOLÓGICOS DA MALÁRIA E DA LEISHMANIOSE.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (2) Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Agerdânio Andrade De Souza - Integrante., Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 3

  • 2014 - 2016

    DESENVOLVIMENTO DE DISPOSITIVO PARA EXTRAÇÃO AUTOMATIZADA POR HPLC, Descrição: Desenvolvimento de barra sortiva para clea-up e pre concentração de analitos de interesse entre eles a fluoxetina. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante., Número de produções C, T & A: 9

  • 2014 - Atual

    TÉCNICAS EXTRATIVAS PARA ANÁLISE DE PESTICIDAS, Descrição: Cadastrado na PROPPG UEL sob o número 09923 Tipo de Cadastro: 20 - PROJETOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TESE DE DOUTORADO Classificação: Aplicada Término Previsto: 23/02/2018 Área do CNPQ: QUIMICA Resumo do Projeto COM O CRESCIMENTO CONTÍNUO DO AGRONEGÓCIO BRASILEIRO, O CONSUMO DE AGROTÓXICOS E A POLUIÇÃO, POR ESTE CAUSADA, TENDEM A SEGUIR A MESMA PROJEÇÃO DE CRESCIMENTO. SABE-SE QUE O CONTATO DIRETO OU INDIRETO COM ESTE TIPO DE PRODUTO TRAZ CONSEQUÊNCIAS Á LONGO PRAZO PARA A SAÚDE. SENDO ASSIM, UM CONTROLE AMBIENTAL RÍGIDO DEVE SER REALIZADO, OBJETIVANDO O USO DE ANÁLISES RÁPIDAS, DE FÁCIL EXECUÇÃO E COM MENOR GERAÇÃO DE RESÍDUOS. TÉCNICAS CONSAGRADAS COMO A EXTRAÇÃO LÍQUIDO-LÍQUIDO (LLE) VÊM PERDENDO ESPAÇO PARA AS QUE UTILIZAM MENOS SOLVENTES, COMO EXTRAÇÃO FASE SÓLIDA (SPE), E PARA OUTRAS QUE SEGUEM AS TENDÊNCIAS DE MINIATURIZAÇÃO E AUTOMAÇÃO ANALÍTICA. NESTE CONTEXTO DESTACA-SE A EXTRAÇÃO SORTIVA EM BARRA DE AGITAÇÃO MAGNÉTICA (SBSE) QUE UTILIZA UMA FASE POLIMÉRICA, PARA QUAL O ANALITO É TRANSFERIDO. O DESENVOLVIMENTO DE METODOLOGIAS EXTRATIVAS AINDA É UM DESAFIO, DEVIDO A GRANDE QUANTIDADE DE FATORES ANALÍTICOS CRÍTICOS E INTERFERENTES NAS MATRIZES AMOSTRAIS. O USO DE PLANEJAMENTOS EXPERIMENTAIS POR SUA VEZ, BUSCA A OTIMIZAÇÃO DESSAS METODOLOGIAS AO ESTUDAR AS INTERAÇÕES CRÍTICAS DE ANÁLISE. SENDO ASSIM, AO SE PROPOR NOVAS METODOLOGIAS ESSE ESTUDO FAVORECE A OBTENÇÃO DE MÉTODOS MAIS ROBUSTOS, SELETIVOS E COM CAPACIDADE EXTRATIVA ADEQUADA À NECESSIDADE À APLICAÇÃO NO CONTROLE AMBIENTAL COMO DE PESTICIDAS.. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Caroline Teixeira Lopes - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 8 / Número de orientações: 4

  • 2014 - Atual

    DESENVOLVIMENTO DE SISTEMA CROMATOGRÁFICO IÔNICO MINIATURIZADO COM PREPARO DE AMOSTRA AUTOMATIZADO E MÉTODO QUIMIOMÉTRICO PARA AVALIAÇÃO DA QUALIDADE DO CAFÉ POR ESPECTROSCOPIA NIR E UPLC®-MS/MS, Descrição: Cadastrado na PROPPG/UEL sob o número 09924 Tipo de Cadastro: 20 - PROJETOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - RESOLUÇÃO 70/2012 Tipo de Pesquisa: TESE DE DOUTORADO Classificação: Aplicada Término Previsto: 23/02/2018 Área do CNPQ: QUIMICA Resumo do Projeto DESDE QUE FOI INTRODUZIDA NO INÍCIO DO SÉCULO XX, A CROMATOGRAFIA VEM SOFRENDO GRANDES AVANÇOS. PORÉM, A MINIATURIZAÇÃO DE SISTEMAS CROMATOGRÁFICOS, APESAR DE SER CONSIDERADA UM RAMO PROMISSOR, CONTINUA BASTANTE LENTA. ESTA AINDA NÃO ALCANÇOU AMPLA DIFUSÃO, SENDO QUE O NÚMERO DE GRUPOS DE PESQUISA QUE DESENVOLVEM TRABALHOS NESSA ÁREA É BASTANTE RESTRITO. UM DOS LIMITANTES DESSE AVANÇO ESTÁ NA DIFICULDADE DE SE DESENVOLVER EQUIPAMENTOS ADEQUADOS, TÉCNICAS DE PREPARO DE AMOSTRAS, COLUNAS APROPRIADAS E SISTEMAS DE AQUISIÇÃO DE DADOS PASSÍVEIS DE APLICAÇÃO EM SISTEMAS MINIATURIZADOS. APESAR DE MUITOS DESSES PROBLEMAS POSSUÍREM RELATIVA FACILIDADE DE RESOLUÇÃO, AINDA NÃO SE DISPÕE DE EQUIPAMENTOS COMERCIALMENTE DISPONÍVEIS QUE SUPRAM AS CONDIÇÕES IMPOSTAS POR SISTEMAS MINIATURIZADOS EM SUA TOTALIDADE. ESTA DEMANDA PRECISA SER SUPRIDA PARA QUE SE POSSA USUFRUIR DE VANTAGENS COMO: MENOR CONSUMO DE SOLVENTES, UTILIZAÇÃO DE PEQUENOS VOLUMES DE AMOSTRA E, AUMENTO DE SENSIBILIDADE, INTRÍNSECOS À MINIATURIZAÇÃO DA CROMATOGRAFIA LÍQUIDA, REPRESENTANDO REDUÇÃO NO TRATAMENTO DOS RESÍDUOS, APELO IMPOSTO PELA QUÍMICA VERDE. SEGUINDO A MESMA LINHA, MÉTODOS QUE GEREM MENORES PASSÍVEIS AMBIENTAIS PRECISAM SER DESENVOLVIDOS. DURANTE AS DUAS ÚLTIMAS DÉCADAS AS ANÁLISES ESPECTRAIS POR INFRAVERMELHO PRÓXIMO (NIR), TEM SE DESTACADO COMO FERRAMENTA ANALÍTICA CONFIÁVEL E PROMISSORA PARA A AVALIAÇÃO DE ATRIBUTOS DE QUALIDADE. ESSA TÉCNICA, CONJUGADA COM FERRAMENTAS QUIMIOMÉTRICAS, APRESENTAM POTENCIAL NA OBTENÇÃO DE FORMA RÁPIDA DA COMPOSIÇÃO QUÍMICA E PROPRIEDADES RELACIONADAS Á DIVERSAS MATRIZES ALIMENTARES. PELO FATO DO CAFÉ SER A SEGUNDA COMMODITY DE MAISALTO VALOR ECONÔMICO, COSTUMA SOFRER ADULTERAÇÃO, COM ADIÇÃO DE DIVERSOS GRÃOS OU MATERIAIS DE MAIS BAIXO CUSTO, DEPENDENDO DA DISPONIBILIDADE E/OU COTAÇÃO DESTES NO MERCADO. ENTRETANTO, HÁ CARÊNCIA DE MÉTODOS ANALÍTICOS NÃO DESTRUTÍVEIS, CAPAZES DE SUPRIR A DEMANDA DE MERCADO FORNECENDO RESULTADOS RÁPIDOS E CONFIÁVEIS, PARA A VERIFICAÇÃO DA SUA QUALIDADE. VISANDO A RESOLUÇÃO DOS PROBLEMAS EXPOSTOS, ESTE ESTUDO OBJETIVA O DESENVOLVIMENTO INSTRUMENTAL DE UM SISTEMA CROMATOGRÁFICO IÔNICO MINIATURIZADO COM MÓDULO DE EXTRAÇÃO E PREPARO DE AMOSTRAS AUTOMATIZADO, DE UM MÉTODO PARA O ESTUDO DE ADULTERAÇÕES EM CAFÉ EMPREGANDO ESPECTROSCOPIA NIR E QUIMIOMETRIA E, DE UM MÉTODO PARA DISTINÇÃO ENTRE CAFÉ ROBUSTA E ARÁBICA UTILIZANDO CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ULTRA ALTA PERFORMANCE ACOPLADA A DETECTOR DE MASSAS (UPLC®-MS/MS).. , Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Letícia Aparecida Marques - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Maria de Almeida Silva - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Companhia Cacique de Café Solúvel - Cooperação., Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 6

  • 2013 - Atual

    PROGRAMA NACIONAL DE COOPERAÇÃO ACADÊMICA - PROCAD/2013 - INTEGRAÇÃO EM QUÍMICA, Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Doutorado: (3) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / ALESSANDRA MAFFEI MONTEIRO - Integrante / Mariana Bortholazzi Almeida - Integrante / Tiago Bervelieri Madeira - Integrante / Emanuel Carrilho - Integrante / Lycio Shinji Watanabe - Integrante., Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 27

  • 2012 - 2015

    TESTE DE DISSOLUÇÃO E DOSEAMENTO DO TENOFOVIR - FÁRMACO UTILIZADO NO TRATAMENTO DE AIDS E HEPATITE B, Descrição: Sistema automatizado controlado por sofwtare para fazer a dissolução de comprimidos. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / Andréa Diniz - Integrante / Marlene Maria Fregonezi Nery - Integrante / VINICIUS RICARDO ACQUARO JUNIOR - Integrante / Alan Carlos Correa - Integrante., Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 9

  • 2011 - 2013

    AVALIAÇÃO DA INFLUÊNCIA DA TORRA,PROCEDÊNCIA, VARIEDADE E DEFEITOS NOS TEORES DE CARBOIDRATOS UTILIZADOS PARA ATESTAR ADULTERAÇÃO EM CAFÉ TORRADO E MOÍDO, Descrição: Averiguar fraudes no café torrado e moído. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / Julia Estéfane Martins de Abreu - Integrante., Número de produções C, T & A: 18

  • 2009 - 2013

    DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS DE TRATAMENTO DE EFLUENTES POR ELETROCOAGULAÇÃO/ELETROFLOTAÇÃO PARA REUSO DE ÁGUA, Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Graduação: (6) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / Ilza Lobo - Coordenador., Financiador(es): Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2012

    SISTEMA DE MEDIÇÃO DE UMIDADE BASEADO NA REFLEXÃO DIFUSA NO INFRAVERMELHO PRÓXIMO, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) José Alexandre de França em 03/04/2018., Descrição: NIR portatil testado em café soluvel para determinação de umidade home-made em parceria com a eletrica. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Integrante / José Alexandre de França - Coordenador / Dari de Oliveira Toginho Filho - Integrante., Financiador(es): Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 11

  • 2007 - 2011

    AVALIAÇÃO FARMACOCINÉTICA DE FLAVONÓIDES A PARTIR DE EXTRATO PADRONIZADO DE ARNICA-DA-SERRA (LYCHNOPHORA ERICOIDES), Descrição: OS ESTUDOS SOBRE A FARMACOCINÉTICA DE PRODUTOS NATURAIS AINDA É MUITO ESCASSO. AS INFORMAÇÕES DE COMO ALGUNS PRODUTOS DE ORIGEM VEGETAL, COMO OS FLAVONÓIDES, SÃO ABSORVIDOS É ESSENCIAL PARA O ESCLARECIMENTO DO MECANISMO DE AÇÃO DESSES COMPOSTOS. A LYCHNOPHORA ERICOIDES É BASTANTE ESTUDADA E MOSTROU-SE EFICAZ NA AÇÃO ANTINFLAMATÓPRIA, SENDO ESSA ATIVIDADE ATRIBUÍDA AO FLAVONÓIDE. MAS A PRODUÇÃO DE MEDICAMENTOS A PARTIR DESSE PRODUTO ISOLADO OU EM EXTRATO ENRIQUECIDO NECESSITA PRIMEIRO DA AVALIAÇÃO DE QUAL OU QUAIS PRODUTOS REALMENTE SÃO ABSORVIDOS E PORTANTO SERIAM OS RESPONSÁVEIS PELA AÇÃO. A PARTIR DE ENSAIOS DE ABSORÇÃO, METABOLISMO E ATIVIDADE DE UM EXTRATO ENRIQUECIDO COM VICENINA-2 PRETENDE ESCLARECER ESSA DÚVIDA E AMPLIAR A POSSIBILIDADE DE TERMOS MAIS UM MEDICAMENTO FITOTERÁPICO INTEIRAMENTE NACIONAL. TODOS OS ENSAIOS DE ATIVIDADE ANTINFLAMATÓRIA DO EXTRATO SERÃO REALIZADOS IN VITRO, POR MEIO DE DOSEAMENTO DA INIBIÇÃO DA PRODUÇÃO DE ÓXIDO NÍTRICO CELULAR. OS ENSAIOS DE ATIVIDADE ANALGÉSICAS SERÃO REALIZADOS UTILIZANDO TÉCNICAS CLÁSSICAS DE CONTORÇÃO DE CAMUNDONGOS APÓS A ADMINISTRAÇÃO DE ÁCIDO ACÉTICO E HOT PLATE. SERÁ AVALIADA TAMBÉM A TOXICIDADE AGUDA DO EXTRATO. O PERFIL DE ABSORÇÃO SERÁ AVALIADO UTILIZANDO TÉCNICAS CROMATOGRÁFICAS. PARALELAMENTE SERÁ AVALIADO POR ESPECTROMETRIA DE MASSAS QUAIS OS METABÓLICOS FORMADOS E/OU ABSORVIDOS, DEMONSTRANDO ASSIM SE O FLAVONÓIDE É ATIVO OU SEUS METABÓLITOS.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (10) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / Andréa Diniz - Integrante / Jaqueline Tobias de Moraes - Integrante / Diego Soares Domingues - Integrante / Matheus Sampaio Goveia - Integrante / Phileno Pinge Lopes - Integrante / Patrick Juliano Alves Gomes wietchorek - Integrante / Gabriela Amaral Buqui - Integrante / Franciele Barbieri - Integrante / Barbara Sthefani Caldas - Integrante / Francisco Granziera Junior - Integrante / Julia Estéfane Martins de Abreu - Integrante / Gisely C. Lopes - Integrante / Raphael Faglioni Pereira - Integrante / Norberto Peporine Lopes - Integrante / MASSURA, FRANCYS W. - Integrante / Alan Carlos Correa - Integrante., Financiador(es): Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 56

  • 2004 - 2008

    MONITORAMENTO E CONTROLE AUTOMATICADO DO PH, CONDUTIVIDADE E NITRATO DOS NUTRIENTES DA SOLUÇÃO EMPREGADA NO CULTIVO DA ALFACE HIDROPÔNICA, Descrição: Sistema para cultivo de alface hidropônica totalmente automatizado com desenvolvimento de instrumentação e software para acionamento de válvulas solenoides e monitoramento via rede de pH, condutividade e e temperatura.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / JOÃO CARLOS ALVES - Integrante / HIDEAKI WILSON TAKAHASHI - Integrante / Diego Soares Domingues - Integrante., Financiador(es): Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 22

  • 2000 - 2001

    SISTEMA DE DILUICAO "ON-LINE" PARA CROMATOGRAFIA LIQUIDA, Descrição: O sistema previa uma automatização feita pelo acionamento de válvulas solenoides de baixa pressão comandadas por software home-made. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (1) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante., Financiador(es): Universidade Estadual de Londrina - Outra., Número de produções C, T & A: 2

  • 1999 - 2004

    DESENVOLVIMENTO METODOLOGICO E AUTOMACAO INSTRUMENTAL PARA DETERMINACAO DE CARBOIDRATOS EM CAFE., Descrição: PROJETO DE INSTRUMENTAÇÃO DESENVOLVIDO COM FINANCIAMENTO DO PADCTIII.. , Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento. , Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (2) . , Integrantes: Suzana Lucy Nixdorf - Coordenador / CARLOS ALBERTO PAULINETTI DA CAMARA - Integrante / LUIZ HENRIQUE MAZO - Integrante / FERNANDO MAURO LANÇAS - Integrante / PAULO LAURO CORREA DE OLIVEIRA - Integrante., Financiador(es): Companhia Cacique de Café Solúvel - Auxílio financeiro / Financiadora de Estudos e Projetos - Auxílio financeiro., Número de produções C, T & A: 54

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Prêmios

2018

Segundo melhor pôster de Química Analítica do XXV Encontro de Química da Região SuS, Sociedade Brasileira de Química.

2016

Destaque na categoria de Ciências Exatas e da Terra - Desenvolvimento de dispositivo para detecção de adulterações em leite, Feira Internacional FICIÊNCIAS 2016.

2016

Prêmio de Projeto Dedicação do 9º ano no SITEC (SIMPÓSIO INTERATIVA DE TECNOLOGIA E CIÊNCIAS), Colégio Interativa.

2016

Detecção de adulterações em leite. Premiado com a Seleção e o Credenciamento para Participação na MOSTRATEC 2017, Colegio Interativa.

2016

Desenvolvimento poliestireno expandido para a contenção de compostos orgânicos em ambientes aquáticos. Premiado com a Seleção e o Credenciamento Participação na GENIUS OLYMPIAD 2017, Colegio Interativa SITEC 2016.

2015

Um dos 3 melhores trabalhos da Sessão de Apresentação Oral da XXXI Semana da Química UEL 2015, Departamento e Centro Acadêmico de Química.

2014

Patronesse Química Licenciatura - Turma 2013, UEL.

2014

Paraninfa Química Bacharelado - Turma 2013, UEL.

2013

Paraninfa - Química Noturno - Turma 2012, UEL.

2012

Paraninfa da Licenciatura em Química - Turma 2011, UEL - Depto. De Química.

2012

3o Melhor Poster da Sessao de Cromatografia Líquida - 03/10/2012, XIV Congresso Latino-Americano de Cromatografia e Técnicas Relacionadas (COLACRO).

2011

Auxílio financeiro após julgamento de mérito de trabalho científico apresentado na 34 RASBQ, Sociedade Brasileira de Química.

2011

Melhor painel da área de Química Analítica da XXVII Semana da Química e IV Jornada de Pós-Graduaçao em Química da UEL, Departamento de Química da UEL.

2011

Melhor Trabalho Científico do 2o Congresso Analitica Latin America, Nürnberg Messe & PITTCON 2012.

2010

Nome de Turma do Curso de Química Integral - Término 2009, |Pró-Reitoria de Graduação da UEL.

2009

Iniciaçao Científica classificado em 1o Lugar na área de Exatas e Tecnológicas do 3o Congresso Nacional de Extensao Universitária/12o Encontro de Atividades Científicas da UNOPAR, Universidade Norte do Paraná.

2007

Patronesse, UEL - Química Integral.

2007

Melhor painel de sessão de cromatografia: Determinação direta de glifosato utilizando CLAE aliada à detecção eletroquímica com microeletrodo de cobre, 14º Encontro Nacional de Química Analítica.

2005

Destaques da UEL, Folha de Londrina, TV Tarobá e Rádio Paiquerê.

2002

Paraninfa, UEL.

1996

Patronesse, UEL.

1995

Paraninfa (Crédito e Seriado), UEL.

1994

Nome de Turma, UEL.

1994

Paraninfa, UEL.

1992

1ª colocada na Prova de Ingresso no Mestrado em Ciências de Alimentos, TAM/UEL.

1989

1ª colocada no Concurso Seletivo Público para Docente para Físico-Química, UEL.

1988

1ª colocada no Concurso Interno para Professor Temporário de Físico-Química, UEL.

1987

1ª colocada no Concurso Interno para Professor Substituto para Química Inorgânica, UEL.

1986

1ª colocada no Curso de Graduação em Química, UEL.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Universidade Estadual de Londrina, Centro de Ciências Exatas, Departamento de Química. , Campus Universitário, Jardim Portal de Versalhes 1, 86057970 - Londrina, PR - Brasil - Caixa-postal: 10011, Telefone: (43) 33714836, Fax: (43) 33714286, URL da Homepage:

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

  • 2009 - 2012

    Universidade Estadual de Maringá

    Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisadora, Carga horária: 2, Regime: Dedicação exclusiva.

  • 1987 - 1996

    Companhia Cacique de Café Solúvel S A

    Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Analista de P&D do Controle de Qualidade, Carga horária: 36

    Outras informações:
    DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES REALIZADAS: Coordenação e execução de testes visando desenvolvimento de alternativas para novos produtos de café solúvel e extrato de café, analisando sua viabilidade técnica; execução de testes em materiais de embalagem junto às áreas envolvidas; realização de análises físico-químicas, sensoriais e microbiológicas dos produtos em processo, verificando o atendimento das especificações técnicas pré-determinadas a cada qualidade de café nas diversas etapas de produção, determinando sua liberação; prestação de orientações técnicas quando da introdução e/ou modificações de sistemas de controle do processo de produção; realização de pesquisas de mercado e testes para aquisição de novos equipamentos laboratoriais, emitindo pareceres e certificados; acompanhamento do preparo e envio de amostras para clientes; executação de orçamento anual prestando informações à gerência; acompanhamento, orientação e treinamentos à auxiliares na utilização de equipamentos e metodologias aplicadas às análises; calibração e aferição de instrumentos analíticos da área, como: balanças, pHmetro, analisadores de umidade (Karl Fischer e Quadra Bean, entre outros), cromatógrafos; desenvolvimento de metodologias e aprimoramento das existentes ;coordenação e atuação como facilitador dos programas ISO-9001.

    Atividades

    • 10/1989 - 01/1997

      Treinamentos ministrados , Produção, Controle de Qualidade.,Treinamentos ministrados, Vide Produção técnica

    • 01/1992 - 07/1996

      Serviços técnicos especializados , Produção, Controle de Qualidade.,Serviço realizado, Apresentações em Multi-media da Empresa para clientes internacionais e de cursos (vide Produção Técnica).

    • 08/1988 - 07/1996

      Pesquisa e desenvolvimento , Produção, Controle de Qualidade.,Linhas de pesquisa

    • 01/1990 - 06/1996

      Pesquisa e desenvolvimento , Produção, Controle de Qualidade.,Linhas de pesquisa

    • 12/1987 - 10/1995

      Outras atividades técnico-científicas , Produção, Produção.,Atividade realizada, Participação em cursos técnico-científicos (vide Dados complementares).

    • 03/1986 - 07/1986

      Estágios , Produção, Controle de Qualidade.,Estágio realizado, Análises Químicas, Físicas e Sensoriais em Café.

  • 2013 - Atual

    Universidade Estadual de Londrina

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Associado C, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Promoçao de AC-B para AC-C a partir de 25/01/2013 - pela Portaria 9054 de 21 de dezembro de 2012 da PRORH. Ministrando disciplinas (2013): Graduaçao: 2QUI046 - Química Geral I 2QUI048 - Química Geral II 2QUI039 - FÍsico Química Experimental B Pós-graduaçao - Química: 2QUI223/3000/2013-1 - Estágio em Docência na Graduaçao - 1o Sem - Stricto Sensu - Pedro Henrique Hatamura. 2QUI230/1000/2013-2 - Tópicos Especiais em Química: Avanços e tendências em técnicas de separaçao- 2o SEM- Stricto Sensu 2QUI223/3000/2013-2 - Estágio em Docência na Graduaçao - 1o Sem - Stricto Sensu - Lycio Shinji Watanabe e Yuri Renan Bovolenta Supervisao de Estágio: Amanda Eloize Nardo (200904800039) - PIBIC - EMBRAPA SOJA 07/01/13 a 30/06/13 Carlos Henrique Vidigal Bazoni (201100480083) 01/08/12 a 31/07/13 Carolina Moreira Caetano da Silva (201100480107) 21/05/12 a 20/05/13 Ederson Alves da Silva (200904800120) - IAPAR - Solo 21/11/12 a 20/05/13 Eduarda Louise Farine (20100480161) 08/05/12 a 21/02/13 Francimeire Piva Borsato (200907800148) 07/01/13 a 30/06/13 Juliana de Oliveira Ribeiro (20110480276) 01/09/12 a 30/04/13 Simone Freiria Antonio (200904800379) - Iapar 01/10/12 a 30/06/13 Coordenadora do LAPA Multiusuário Monitoria Acadêmica QGeral I - Leticia Aparecida Marques - Thiago Valentim de Souza QGeral II - Leticia Tahis Chendynski - Layo Ronden Shing

  • 2011 - 2013

    Universidade Estadual de Londrina

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Associado B, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    *Pesquisadora do Grupo DIA - Orientadora de IC(CNPq, CAPES, Fundação Araucária), Mestrado Acadêmico em Química UEL (CAPES) e Profissional em Toxicologia (ANVISA), Co-orientadora de Doutorado. *Vice-coordenadora de Estágio do Curso de Graduação da Química *Vice-Coordenadora do Mestado Profissional em Toxicologia aplicado a Vigilância Sanitária *Coordenei Sessoes Coordenadas durante à XXVII Semana da Química e IV Jornada de Pós-Graduação em Química da Universidade Estadual de Londrina Em 2011 lecionando: Graduação: Química Geral I (2QUI046 Bacharelado e Licenciatura); Química Geral Experimental (2QUI045 - T0002) para o 1o. ano do Curso de Química, 1o semestre. Química Geral II (2QUI 048) Licenciatura e Físico-Química Experimental B(2QUI039) 1o. e 4o. ano do Curso de Química da UEL, respectivamente. Trabalho de Conclusão de Curso (2QUI302 - Turmas 017,019, 020 e 028) - 4o. ano da Química. Pós-Graduação: (2LAC008)Controle de Qualidade de Matérias-Primas e Insumos Vegetais no Curso de Mestrado Profissional em Toxicologia Aplicada à Vigilância Sanitária para técnicos da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) ( 03 Cr. - 45 horas) - Coordenação e Lecionando juntamente com os Professores Kellen C.B. de Souza (UFCSPA) e João C. P. de Mello (UEM) Tópicos Especiais em Química: Avanços em Técnicas de Separação (2QUI225 - 03 Cr. - 45 horas) para Mestrado Acadêmico de Química - CCE- UEL Princípios de Metodologias Laboratoriais Aplicados a Ensaios Clínicos ou Experimentais para Mestrado da Ciência da Saúde - CCS - UEL Utilização da Cromatografia Líquida (HPLC) e Gasosa (CG) como ferramenta de inspeção em alimentos humanos e animais (2PIV 339/1000 02 Cr. 30 horas) -Programa de Pós-graduação em Ciência Animal da Veterinária - Mestrado e Doutorado - CCA- UEL. Estágio em Docência para Mestrado em Química (03 Cr. - 60 horas) para: MARIANA BUSIGNANI DA SILVA (2QUI223 - ESTÁGIO DE DOCÊNCIA NA GRADUAÇÃO/2000/2011-2) e LEONEL VINICIUS CONSTANTINO ( 2QUI223/30

  • 2009 - 2011

    Universidade Estadual de Londrina

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Associado A, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Vice-Coordenadora do Mestado Profissional em Toxicologia aplicado a Vigilância Sanitária Em 2010 lecionando: Métodos Cromatográficos de Análise (2QUI208 - 04 cr. - 60 h) para o Curso de Pós-graduaçao - Mestrado em Química e Doutorado Associado em Química. Estágio em Docência na Graduaçao I (2QUI198 - 02 cr. - 30 h) e Estágio em Docência na Graduaçao II (2QUI199 - 02 cr. - 30 h) para o Doutorado Associado em Química - Doutoranda Elis Daiani Pauli). Físico-Química A (5QUI061 e 5QUI067) para 1o Curso de Biomedicina As disciplinas de Química Geral I(2QUI046 - Licenciatura) e Química Geral II(2QUI048 - Bacharelado (T2000) e Licenciatura (T1000) 1o ano da Química Fisico-Química Experimental B(2QUI039) 4o ano do Curso de Química Trabalho de Conclusao de Curso em Química (2TCC301) Em 2009 lecionando disciplinas: Química Geral I (2QUI002) para 1o ano do Curso de Química Química Geral II(2QUI004) para 1o ano do Curso de Química Quimica Aplicada a Engenharia Elétrica - Teória (2QUI035) para 1o ano do Curso de Engenharia Elétrica Quimica Aplicada a Engenharia Elétrica - Prática (2QUI036) para 1o ano do Curso de Engenharia Elétrica Fisico-Química Experimental B(2QUI039) 4o ano do Curso de Química Estágio Supervisionado em Química (2EST303) Trabalho de Conclusao de Curso em Química (2TCC301) Estágio em Docência na Pós-Graduaçao em Química dos Recursos Naturais (2QUI084 - T2000 - Jaqueline Tobias de Moraes) e em Química (2QUI223-T3000 - Edmar Fernado de Oliveira)

  • 2007 - 2009

    Universidade Estadual de Londrina

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Adjunto D, Carga horária: 40

  • 2004 - 2006

    Universidade Estadual de Londrina

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Adjunto C, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

  • 2002 - 2004

    Universidade Estadual de Londrina

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Adjundo B, Carga horária: 40

  • 2000 - 2002

    Universidade Estadual de Londrina

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professora de Físico-Química AD-A, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Professora AD-1 Disciplinas Lecionadas: Físico-Química IA ? (3QUI039/1000) - Química - 3o. ano Físico-Química IIA ? (3QUI041/1000) - Química - 4o. ano Físico-Química Experimental (3QUI038/0001e 0002) - Química - 4o. ano Físico-Química (3QUI 004) - Farmácia e Bioquímica - 1o. ano Físico-Química (3QUI061) - Biomedicina - 1o. ano

  • 1997 - 2000

    Universidade Estadual de Londrina

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professora de Físico-Química AS-D, Carga horária: 40

    Outras informações:
    Período: 30/05/97 em diante Atividade: Capacitação - Doutoramento

  • 1996 - 1997

    Universidade Estadual de Londrina

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professora de Físico-Química AS-4, Carga horária: 40

    Outras informações:
    Período: 09/08/96 - 30/05/97 Atividade: Capacitação - Doutoramento

  • 1995 - 1996

    Universidade Estadual de Londrina

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professora de Físico Química AS-3, Carga horária: 40

    Outras informações:
    Licença Artigo 72 Concomitância

  • 1993 - 1995

    Universidade Estadual de Londrina

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professora de Físico-Química AS-2, Carga horária: 40

    Outras informações:
    Licença Artigo 72 Concomitância Disciplinas Lecionadas: Físico-Química Experimental (3QUI 005) Físico-Química (3QUI 004)

  • 1991 - 1993

    Universidade Estadual de Londrina

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professora de Físico-Químca AS-1, Carga horária: 40

    Outras informações:
    Professora AX-4 passou a AS-1 Licença Artigo 72 Concomitância Disciplinas Lecionadas: Físico-Química 2 ? Eletroquímica (1QUI 153) Físico-Química 3 ? Cinética Química (1QUI 308) ? duplicação Físico-Química Experimental (1QUI 310) - duplicação Físico-Química (1QUI 151)

  • 1991 - 1991

    Universidade Estadual de Londrina

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professora de Físico-Química AX-2, Carga horária: 40

    Outras informações:
    Disciplinas Lecionadas: Físico-Química 2 ? Eletroquímica (1QUI 153) ? duplicação Físico-Química 3 ? Cinética Química (1QUI 308) Físico-Química Experimental (1QUI 310) - duplicação

  • 1991 - 1991

    Universidade Estadual de Londrina

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professora de Físico-Química AX-3, Carga horária: 40

    Outras informações:
    Disciplinas Lecionadas: Físico-Química 2 ? Eletroquímica (1QUI 153) Físico-Química 3 ? Cinética Química (1QUI 308) ? duplicação Físico-Química Experimental (1QUI 310) - duplicação Físico-Química (1QUI 151)

  • 1990 - 1991

    Universidade Estadual de Londrina

    Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professora de Físico-Química AX-2, Carga horária: 20

    Outras informações:
    Disciplinas Lecionadas: Físico-Química 2 ? Eletroquímica (1QUI 153) Físico-Química 3 ? Cinética Química (1QUI 308) Físico-Química Experimental (1QUI 310)

  • 1988 - 1989

    Universidade Estadual de Londrina

    Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professora de Físico-Química, Carga horária: 20

    Outras informações:
    Disciplinas Lecionadas: Físico-Química 2 ? Eletroquímica (1QUI 153) Físico-Química 3 ? Cinética Química (1QUI 308) Físico-Química Experimental (1QUI 310)

  • 1988 - 1988

    Universidade Estadual de Londrina

    Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professora de Química Inorgânica e FQ AX-1, Carga horária: 34, Regime: Dedicação exclusiva.

    Outras informações:
    Disciplinas Lecionadas: Química Geral II (1QUI 301) Química Inorgânica B ( 1QUI 116) Química Inorgânica Experimental (1QUI 303) Físico-Química Experimental (1QUI 310)

  • 1987 - 1988

    Universidade Estadual de Londrina

    Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professora de Química Inorgânica AX-1, Carga horária: 12

    Outras informações:
    Disciplinas Lecionadas: Química Geral II (1QUI 301) Química Inorgânica B ( 1QUI 116)

    Atividades

    • 01/2008

      Ensino, Química, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, 1. Disciplina Eletiva.

    • 01/2008

      Outras atividades técnico-científicas , Centro de Ciências Exatas, Centro de Ciências Exatas.,Atividade realizada, 1. Assessor Científico para trabalhos submetidos a 31ª SBQ - Eletroquímica e Eletroanalítica..

    • 11/2007

      Pesquisa e desenvolvimento , Centro de Ciências Exatas, Departamento de Química.,Linhas de pesquisa

    • 08/2007

      Outras atividades técnico-científicas , Centro de Ciências Exatas, Centro de Ciências Exatas.,Atividade realizada, 1. Mediadora nas apresentações orais da XXIII Semana de Química..

    • 03/2007

      Pesquisa e desenvolvimento , Centro de Ciências Exatas, Departamento de Química.,Linhas de pesquisa

    • 01/2007

      Outras atividades técnico-científicas , Centro de Ciências Exatas, Centro de Ciências Exatas.,Atividade realizada, 1. Assessora Científica da Revista Semina..

    • 01/2006

      Outras atividades técnico-científicas , Centro de Ciências Exatas, Centro de Ciências Exatas.,Atividade realizada, 1. Assessora Científica da Fundação Araucária.

    • 12/2005

      Direção e administração, Centro de Ciências Exatas, Departamento de Química.,Cargo ou função, Coordenadora de Est;agio do Curso de Química.

    • 01/2004

      Outras atividades técnico-científicas , Centro de Ciências Exatas, Centro de Ciências Exatas.,Atividade realizada, 1. Consultor Especializado da Revista da Sociedade de Olericultura do Brasil - Horticultura Brasileira...

    • 01/2004

      Outras atividades técnico-científicas , Centro de Ciências Exatas, Centro de Ciências Exatas.,Atividade realizada, 1. Assessoria Científica da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação da UEM - Consultor Especializado em 2004 - Revista Acta Scientiarum...

    • 07/2000

      Ensino, Farmácia e Bioquímica, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Físico-Química (3QUI004)

    • 07/1998

      Pesquisa e desenvolvimento , Centro de Ciências Exatas, Departamento de Química.,Linhas de pesquisa

    • 01/1991

      Outras atividades técnico-científicas , Centro de Ciências Exatas, Centro de Ciências Exatas.,Atividade realizada, Orientação de alunos em Estágios Curriculares não Obrigatório e em Monitorias Acadêmicas.

    • 11/1987

      Ensino, Química, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Química Geral II (1QUI 301), Química Inorgânica B ( 1QUI 116), Química Inorgânica Experimental (1QUI 303), Físico-Química 2 - Eletroquímica (1QUI 153), Físico-Química 3 - Cinética Química (1QUI 308), Físico-Química Experimental (1QUI 310), Físico-Química (1QUI 151), Físico-Química (3QUI 039), Físico-Química (3QUI041), Físico-Química Experimental (3QUI038), Química Geral I (2 QUI 002), Química Geral II (2 QUI 004), Físico-Química Experimental (3 QUI 038), Estágio Supervisionado em Química A (3 EST 316)

    • 06/2007 - 08/2007

      Outras atividades técnico-científicas , Centro de Ciências Exatas, Centro de Ciências Exatas.,Atividade realizada, 1. Membro da Comissão Científica dos trabalhos apresentados na XXIII Semana de Química..

    • 02/2007 - 08/2007

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Ciências Exatas, Departamento de Química.,Cargo ou função, 1. Comissão Organizadora da XXIII Semana de Química..

    • 11/2005 - 10/2006

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Ciências Exatas, Departamento de Química.,Cargo ou função, Comissão Organizadora da XXII Semana de Química da UEL.

    • 11/2005 - 10/2006

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Ciências Exatas, Departamento de Química.,Cargo ou função, 1. Comissão Organizadora da XXII Semana de Química da UEL..

    • 01/2005 - 12/2005

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Ciências Exatas, Departamento de Química.,Cargo ou função, 1. Comissão de Organização de XV SIBEE (Simpósio Brasileiro de Eletroquímica)..

    • 01/2005 - 12/2005

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Ciências Exatas, Departamento de Química.,Cargo ou função, Comissão de Organização de XV SIBEE.

    • 05/2004 - 12/2005

      Direção e administração, Centro de Ciências Exatas, Departamento de Química.,Cargo ou função, Vice-coordenadora de estágio do Curso de Química.

    • 12/2004 - 08/2005

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Ciências Exatas, Departamento de Química.,Cargo ou função, Vice-Coordenadora da XXI Semana de Química da UEL.

    • 07/2000 - 07/2005

      Ensino, Biomedicina, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Fisico-Química (3QUI061), Química Geral e Analítica (3QUI062), Química Geral e Analítica (5 QUI 062), Físico-Química (5 QUI 061)

    • 10/2000 - 12/2004

      Pesquisa e desenvolvimento , Centro de Ciências Exatas, Departamento de Química.,Linhas de pesquisa

    • 03/2001 - 11/2001

      Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Ciências Exatas, Departamento de Química.,Cargo ou função, Participação na Comissão Organizadora no IX Encontro de Química da Região Sul.

    • 09/1994 - 08/1998

      Extensão universitária , Centro de Ciências Exatas, Departamento de Química.,Atividade de extensão realizada, Participação em 44 cursos na UEL e 9 em outras instituições.

    • 01/1995 - 12/1995

      Pesquisa e desenvolvimento , Centro de Ciências Exatas, Departamento de Química.,Linhas de pesquisa

    • 01/1992 - 12/1993

      Extensão universitária , Centro de Ciências Exatas, Departamento de Química.,Atividade de extensão realizada, Orientação de alunos em estágios na SANEPAR e AESA.

    • 01/1992 - 01/1993

      Extensão universitária , Centro de Ciências Exatas, Departamento de Química.,Atividade de extensão realizada, Participação na avaliação de projetos de extensão.

    • 09/1987 - 11/1987

      Estágios , Centro de Ciências Exatas, Departamento de Matemática.,Estágio realizado, Monitoria em Iniciação à Computação e preparo de programas para aulas de química.