Lisia von Diemen

Possui graduação em Medicina pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2000) e Mestrado (2006) e Doutorado (2013) em Ciências Médicas: Psiquiatria pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Atualmente Professora do Departamento de Psiquiatria e Medicina Legal da UFRGS, Chefe da Unidade de Ensino e Pesquisa do Serviço de Adição do Hospital de Clínicas de Porto Alegre, Vice-Diretora do Centro de Pesquisa em Álcool e Drogas do HCPA/UFRGS, professora da Pós-Graduação em Psiquiatria e Ciências do Comportamento da UFRGS e Coordenadora do Mestrado Profissional em Álcool e Drogas do HCPA.

Informações coletadas do Lattes em 24/06/2020

Acadêmico

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação acadêmica

Doutorado em Ciências Médicas: Psiquiatria

2009 - 2013

Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Título: Avaliação de impulsividade e marcadores bioquímicos de toxicidade sistêmica na abstinência aguda e após três semanas de desintoxicação de usuários de crack
Flavio Pechansky. Coorientador: Flavio Kapczinski. Palavras-chave: Crack; HIV; HCV; BDNF; Estresse oxidativo.Grande área: Ciências da SaúdeGrande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Psiquiatria / Especialidade: Dependência Química.

Mestrado em Ciências Médicas: Psiquiatria

2004 - 2006

Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Título: Associação entre impulsividade, idade do primeiro consumo de álcool e abuso de substâncias psicoativas em adolescentes de uma região do sul do Brasil,Ano de Obtenção: 2006
Orientador: Flavio Pechansky
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.

Especialização - Residência médica

2001 - 2003

Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Residência médica em: PsiquiatriaNúmero do registro: . Palavras-chave: psiquiatria; dependência química; HIV; álcool e stress.Grande área: Ciências da Saúde

Especialização em Psicoterapia de Orientação Analítica

2003 - 2004

Centro de Estudos Luiz Guedes

Graduação em Medicina

1995 - 2000

Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Graduação interrompida em 1994 em Ciências da Computação

1993 - Interrompido

Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Título: Não
Ano de interrupção: 1994

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

1999 - 1999

Extensão universitária em Programa de Monitoria - Medicina Social (Epidemio). (Carga horária: 160h). , Universidade Federal do Rio Grande do Sul, UFRGS, Brasil.

1999 - 1999

Research Fellowship training in Substance Abuse. (Carga horária: 160h). , University of Pennsylvania, UPENN, Estados Unidos.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Bandeira representando o idioma Inglês

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.

Bandeira representando o idioma Espanhol

Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Psiquiatria/Especialidade: Dependência Química.

Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Psiquiatria.

Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Psiquiatria/Especialidade: Epidemiologia.

Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Psiquiatria/Especialidade: Hiv Aids.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Organização de eventos

von Diemen, Lisia ; Pechansky, Flavio . Crack, álcool e outras drogas: ação integrada entre as redes de segurança pública, saúde e assistência social. 2012. (Outro).

von Diemen, Lisia ; PECHANSKY, F. . Tratamento da dependência de crack e outras drogas: aperfeiçoamento para profissionais de saúde e assistência social. 2012. (Outro).

von Diemen, Lisia ; PECHANSKY, F. . Tratamento da dependência de crack e outras drogas: aperfeiçoamento para profissionais de saúde e assistência social. 2012. (Outro).

von Diemen, Lisia ; PECHANSKY, F. . Crack, álcool e outras drogas: ação integrada entre as redes de segurança pública, saúde e assistência social. 2012. (Outro).

von Diemen, Lisia ; PECHANSKY, F. . Capacitação de Instrutores para o Curso de Aperfeiçoamento em Técnicas para Fiscalização do Uso de Álcool e outras Drogas no Trânsito Brasileiro. 2011. (Outro).

von Diemen, Lisia ; PECHANSKY, F. . Capacitação de Instrutores para o Curso de Aperfeiçoamento em Técnicas para Fiscalização do Uso de Álcool e outras Drogas no Trânsito Brasileiro. 2011. (Outro).

PECHANSKY, Flavio ; von Diemen, Lisia ; KESSLER, Felix . III Curso de Extensão em Álcool e Drogas. 2009. (Outro).

PECHANSKY, Flavio ; von Diemen, Lisia ; KESSLER, Felix . II Curso de Extensão em Álcool e Drogas. 2008. (Outro).

PECHANSKY, F ; von Diemen, Lisia ; KESSLER, F . I Curso de Extensão em Álcool e Drogas. 2007. (Outro).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

XII Jornada de Psiquiatria da APRS. O papel dos biomarcadores na dependência química. 2015. (Congresso).

XXIII Congresso Brasileiro da ABEAD. Marcadores Biológicos e álcool. 2015. (Congresso).

II Simpósio da Liga de Psiquiatria da UFRGS - Impactos do uso de drogas.Maconha. 2013. (Simpósio).

Simpósio Crack: o que sabemos?.Mesa-redonda: Resultados de estudos clínicos com usuários de crack em 6 capitais brasileiras. 2013. (Simpósio).

College of Problems on Drug Dependence. 2009. (Congresso).

Jornada Gaúcha de Psiquiatria. 2009. (Congresso).

NIDA International Forum. 2009. (Congresso).

XX Congresso Brasileiro da Abead. Hedonismo, impulsividade e a sociedade de consumo. 2009. (Congresso).

NIDA Intenational Forum. Qualitative research about crack use in Brazil. 2007. (Congresso).

Simpósio da ABEAD sobre drogas.Maconha e ecstasy. 2006. (Simpósio).

XVIII Congresso ABEAD. Curso nacional - atualização sobre o uso e dependência de maconha e anfetamínicos. 2006. (Congresso).

XXIII Jornada Sul-rio-grandense de Psiquiatria Dinâmica.Simpósio: Adição e sensações na cultura atual. 2006. (Outra).

20º Congresso AMRIGS. Álcool e drogas. 2003. (Congresso).

NIDA Forum - Building Internacional Research on Drug Abuse. NIDA Forum. 2003. (Congresso).

XV Congresso Brasileiro sobre Alcoolismo, Tabagismo e outras Dependências. XV Congresso Brasileiro sobre Alcoolismo, Tabagismo e outras Dependências. 2003. (Congresso).

Congresso Brasileiro de Psiquiatria. Congresso Brasileiro de Psiquiatria. 2002. (Congresso).

XIV Congresso Brasileiro sobre Alcoolismo, Tabagismo e outras Dependências. Congresso Brasileiro sobre Alcoolismo, Tabagismo e outras Dependências. 2001. (Congresso).

XIX Jornada Sul rio grandense de Psiquiatria Dinâmica. Jornada Sul rio grandense de Psiquiatria Dinâmica. 1998. (Congresso).

XII Congresso Brasileiro sobre Alcoolismo e outras Dependências. Congresso Brasileiro sobre Alcoolismo e outras Dependências. 1997. (Congresso).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em bancas

Aluno: Alice Rodrigues Wilhelm

von Diemen, Lisia. Avaliação da impulsividade, agressividade e controle inibitório em pré-adolescentes e adolescentes. 2015. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Psicologia) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Aluno: Letícia Garibaldi Gasparetto

von Diemen, Lisia. Avaliação de traços da personalidade no modelo dos cinco grande fatores em pacientes com transtorno da personalidade borderline. 2015. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Psicologia) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Aluno: Valéria Cristina da Silva

von Diemen, Lisia; Stolf, A. R.; CALIXTO, A. M.. Trajetória do tratamento de usuário de crack na rede pública de saúde. 2015. Dissertação (Mestrado em Prevenção e Assistência a Usuários de Álcool e Outras Drogas) - Hospital de Clínicas de Porto Alegre.

Aluno: Aline Zaparte

von Diemen, Lisia. Análise do perfil oxidativo de usuárias de crack em processo de desintoxicação. 2014. Dissertação (Mestrado em Biologia Celular e Molecular) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul.

Aluno: Adriana Raquel Binsfeld Hess

von Diemen, Lisia; KESSLER, F. H. P.. Funções executivas, controle inibitório e medidas biológicas em mulheres em abstinência de crack. 2015. Tese (Doutorado em Psicologia) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Aluno: Pedro Domingues Goi

von Diemen, Lisia. Punição altruísta e toxicidade sistêmica no transtorno de humor bipolar. 2014. Tese (Doutorado em Psiquiatria e Ciências do Comportamento) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Aluno: Pedro Domingues Goi

von Diemen, Lisia; CUNHA, A. B. M.; TRAMONTINA, J. F.. Evidências clínicas para o modelo de neuroprogressão no transtorno bipolar. 2014. Tese (Doutorado em Psiquiatria e Ciências do Comportamento) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Aluno: Lysa Silveira Remy

von Diemen, Lisia. O impacto do consumo de ecstasy em usuários na cidade de Porto Alegre. 2013. Tese (Doutorado em Ciências Médicas: Psiquiatria) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Aluno: Ives Cavalcante Pasos

von Diemen, Lisia. Multimodal signatures of staging in bipolar disorders. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Médicas: Psiquiatria) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Aluno: Rosemari Siqueira Pedroso

Dalbosco, Carla; Brasil, Renata;von Diemen, Lisia. Coorte retrospectiva e prospectiva do usuário de crack internado na Unidade Alvaro Alvin - Hospital de Clínicas de Porto Alegre - UAA/HCPA. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Médicas: Psiquiatria) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Aluno: Marcelo Moraes Victor

von Diemen, Lisia; SZOBOT, Claudia. Ensaio clínico aberto com Rhodiola Rosea L. no tratamento do transtorno de déficit de atenção/hiperatividade em adultos. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Médicas: Psiquiatria) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Aluno: Lysa Silveira Remy

von Diemen, Lisia. Avaliação da Efetividade do modelo matrix para o tratamento de usuários de club drugs. 2013. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Médicas: Psiquiatria) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Aluno: Raul Azevedo Gonçalves

von Diemen, Lisia. O viés para pistas relacionadas ao consumo de cigarro pode ser usado como indicador de motivação para o tratamento do tabagismo. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós-Graduação em Psicologia) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Aluno: Alice Rodrigues Wilhelm

von Diemen, Lisia. Avaliação da impulsividade, agressividade e controle inibitório em pré-adolescentes e adolescentes. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Psicologia) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

PECHANSKY, F.von Diemen, Lisia. Seleção dos candidatos à vaga do Curso de Mestrado Profissional em Prevenção e Assistência a Usuários de Álcool e Outras Drogas. 2014. Hospital de Clínicas de Porto Alegre.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Márcia Kauer Sant´Anna

SANT´ ANNA, Márcia Kauer. Avaliação de soroprevalência HCV/HIV e Marcadores Bioquímicos de Toxicidade Sistêmica em Usuários de Crack. 2013. Tese (Doutorado em PPG Ciências Médicas: Psiquiatria) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

FÉLIX HENRIQUE PAIM KESSLER

KESSLER, F. H. P.; Abreu,Paulo; KUNZ, M.. Estadiamento dos Transtornos por Uso de Cocaína: Proposição de Um Modelo.. 2012. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Médicas: Psiquiatria) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Clarissa Severino Gama

GAMA, C. S.; BASSANI, Diego;KAPCZINSKI, Flavio. Alcoolismo. 2006. Outra participação, Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Sandra Cristina Pereira Costa Fuchs

Fuchs SCPECHANSKY, FROHDE, LA; FLECK, MP. Associação entre impulsividade, idade do primeiro consumo de álcool e abuso de substâncias psicoativas em adolescentes de uma região do sul do Brasil. 2006. Dissertação (Mestrado em Medicina: Ciências Médicas) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Gisele Gus Manfro

Manfro, G. G.; FUCHS, Sandra; ROHDE, Luis A. Associação entre impulsividade, idade do primeiro consumo de álcool e abuso de substâncias psicoativas em adolescentes de uma região do sul do Brasil. 2006. Dissertação (Mestrado em Medicina Psiquiatria) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

ROSA MARIA MARTINS DE ALMEIDA

Pechansky, F; ARAUJO, M. R.; KESSLER, F. H. P.; SANTANNA, M. K.;De ALMEIDA, R. M. M.. Avaliação de soroprevalência HCV/HIV e marcadores bioquímicos de toxidadade sistêmica em usuários de crack. 2013. Tese (Doutorado em PPG Psiquiatria) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Flavio Pereira Kapczinski

Rohde LA; FUCHS, S.;Gus Manfro GKapczinski F*.. Associação entre impulsividade, idade do primeiro consumo de álcool e abuso de substâncias psicoativas em adolescentes de uma Região do Sul do Brasil. 2006. Dissertação (Mestrado em Ciências Médicas: Psiquiatria) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Luís Augusto Paim Rohde

FUCHS, Sandra Cristina Costa;MANFRO, Gisele GusRohde LA; KAPCZINSKI, Flávio Pereira. Associação entre impulsividade, idade do primeiro consumo de álcool e abuso de substâncias psicoativas em adolescentes de uma Região do Sul do Brasil. 2006. Dissertação (Mestrado em Ciências Médicas: Psiquiatria) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Orientou

Felipe Ornell

FATORES ASSOCIADOS A ALTERAÇÕES NOS NÍVEIS DO FATOR NEUROTRÓFICO DERIVADO DO CÉREBRO ? BDNF ? DURANTE A DESINTOXICAÇÃO POR CRACK; Início: 2015; Dissertação (Mestrado em Psiquiatria) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; (Orientador);

Karina Proença Ligabue

ASSOCIAÇÃO DA INTERVENÇÃO DE CUE EXPOSURE SOBRE OS NÍVEIS DE CORTISOL SALIVAR EM DEPENDENTES DE CRACK INTERNADOS NO HOSPITAL DE CLÍNICAS DE PORTO ALEGRE; Início: 2015; Dissertação (Mestrado em Psiquiatria) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul; (Orientador);

Mariana Escobar

ASSOCIAÇÃO ENTRE ESTADO NUTRICIONAL, NÍVEIS SÉRICOS DE LEPTINA E GRELINA E PADRÃO DE CONSUMO DE CRACK; Início: 2014; Tese (Doutorado em Ciências Médicas: Psiquiatria) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul; (Coorientador);

Silvia Bassani Schuch

AVALIAÇÃO NEUROANATÔMICA E NEUROPSICOLÓGICA DE USUÁRIOS DE CRACK: UM ESTUDO TRANSVERSAL; Início: 2014; Tese (Doutorado em Ciências Médicas: Psiquiatria) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul; (Orientador);

Karina Proença Ligabue

Níveis de cortisol salivar e alta precoce em usuários de crack brasileiros; 2017; Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Psiquiatria e Ciências do Comportamento) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul,; Orientador: Lisia von Diemen;

Felipe Ornell dos Santos

FATOR NEUROTRÓFICO DERIVADO DO CÉREBRO (BDNF) NOS TRANSTORNOS POR USO DE SUBSTÂNCIAS - UMA META-ANÁLISE; ; 2017; Dissertação (Mestrado em Ciências Médicas: Psiquiatria) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul,; Orientador: Lisia von Diemen;

Paula Henryknopf Sukop

Associação entre a dependência de crack e níveis de vitaminas do complexo B e alumínio no sangue; 2016; Dissertação (Mestrado em Psiquiatria) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul,; Orientador: Lisia von Diemen;

Ronaldo Lopes Rosa

Preditores de recaída precoce em adolescentes usuários de crack pós alta hospitalar; 2015; Dissertação (Mestrado em Ciências Médicas: Psiquiatria) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul,; Orientador: Lisia von Diemen;

SILVIA BASSANI SCHUCH GOI

Alterações de volumes corticais e subcorticais em usuários de crack; 2018; Tese (Doutorado em Psiquiatria e Ciências do Comportamento) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul,; Orientador: Lisia von Diemen;

Mariana Escobar

ASSOCIAÇÃO ENTRE ESTADO NUTRICIONAL, NÍVEIS SÉRICOS DE LEPTINA E GRAVIDADE DO USO DE CRACK; 2017; Tese (Doutorado em Psiquiatria e Ciências do Comportamento) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul,; Coorientador: Lisia von Diemen;

Silvia Chwartzmann Halpern

VULNERABILIDADE SOCIAL EM USUÁRIOS DE CRACK EM SEIS CAPITAIS BRASILEIRAS; 2017; Tese (Doutorado em Psiquiatria e Ciências do Comportamento) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul,; Orientador: Lisia von Diemen;

Ingrid Borba Hartmann

AVALIAÇÃO DE FATORES CLÍNICOS E BIOLÓGICOS ASSOCIADOS AO PROGNÓSTICO DA CIRURGIA BARIÁTRICA; 2016; Tese (Doutorado em Psiquiatria e Ciências do Comportamento) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul,; Coorientador: Lisia von Diemen;

Simone Simon Iglin

A EFICÁCIA DE INTERVENÇÕES INDIVIDUAIS OU EM GRUPO NA ADESÃO AO TRATAMENTO DE DEPENDENTES DE COCAÍNA EM FORMA DE CRACK; 2012; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE TRATAMENTO DE USUÁRIOS) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul; Orientador: Lisia von Diemen;

Carla Viviane Motta Mello Finger

Gravidez X Dependência Química: Refletindo uma intervenção junto às gestantes usuárias de crack/cocaína no CPAS-AD de Bagé; 2012; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE TRATAMENTO DE USUÁRIOS) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul; Orientador: Lisia von Diemen;

Luciana de Freitas Carvalho

O Assistente Social como Gerente de Caso no Processo de Trabalho no Centro de Dependência Química (CDQUIM) do Hospital Parque Belém; 2012; Monografia; (Aperfeiçoamento/Especialização em ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE TRATAMENTO DE USUÁRIOS) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul; Orientador: Lisia von Diemen;

Juliana Nichterwitz Scherer

Modificação dos valores de BDNF e TBARS em usuários de crack internados em um programa especializado; 2014; Trabalho de Conclusão de Curso; (Graduação em Biomedicina) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas; Orientador: Lisia von Diemen;

Juliana Nichterwitz Scherer

Capacitação PRF - Curso de Aperfeiçoamento em Técnicas para Fiscalização do Uso de Álcool e outras Drogas no Trânsito Brasileiro; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Biomedicina) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas; Orientador: Lisia von Diemen;

Vanessa Lara Flores da Silva

Capacitação PRF - Curso de Aperfeiçoamento em Técnicas para Fiscalização do Uso de Álcool e outras Drogas no Trânsito Brasileiro; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Gestão Hospitalar) - Faculdade Anhanguera de Porto Alegre, Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas; Orientador: Lisia von Diemen;

Luciana Abreu Lima da Rosa Silva

Preditores Clínicos, Biológicos e Psicossociais da Recaída Precoce em Usuários de Crack; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Enfermagem) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul; Orientador: Lisia von Diemen;

Daiane Silva de Souza

Capacitação PRF - Curso de Aperfeiçoamento em Técnicas para Fiscalização do Uso de Álcool e outras Drogas no Trânsito Brasileiro; 2015; Iniciação Científica; (Graduando em Psicologia) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas; Orientador: Lisia von Diemen;

Thamirys Corrêa da Silva

Capacitação PRF - Curso de Aperfeiçoamento em Técnicas para Fiscalização do Uso de Álcool e outras Drogas no Trânsito Brasileiro; 2014; Iniciação Científica; (Graduando em Ciências Econômicas) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas; Orientador: Lisia von Diemen;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

FLAVIO PECHANSKY

Associação entre impulsividade, idade do primeiro consumo de álcool e abuso de substâncias psicoativas em adolescentes de uma região do sul do Brasil; 2006; 0 f; Dissertação (Mestrado em Ciências Médicas: Psiquiatria) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Orientador: Flavio Pechansky;

FLAVIO PECHANSKY

Avaliação de Soroprevalência HCV/HIV e Marcadores Bioquímicos de Toxicidade Sistêmica em Usuários de Crack; ; 2013; Tese (Doutorado em Ciências Médicas: Psiquiatria) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul,; Orientador: Flavio Pechansky;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • SCHERER, JULIANA ; SILVELLO, D. ; VOLPATTO, V. L. ; ROGLIO, V. ; FARA, L. S. ; ORNELL, FELIPE ; DIEMEN, Lisia Von ; KESSLER, F. H. P. ; PECHANSKY, F. . Predictive factors associated with driving under the influence among Brazilian drug-using drivers. ACCIDENT ANALYSIS AND PREVENTION , v. 123, p. 256-262, 2019.

  • SANVICENTE-VIEIRA, BRENO ; ROVARIS, DIEGO LUIZ ; ORNELL, FELIPE ; SORDI, ANNE ; ROTHMANN, LEONARDO MELO ; NIEDERAUER, JOÃO PAULO OTTOLIA ; SCHUCH, JAQUELINE BOHRER ; von Diemen, Lisia ; Kessler, Felix Henrique Paim ; GRASSI-OLIVEIRA, RODRIGO . Sex-based differences in multidimensional clinical assessments of early-abstinence crack cocaine users. PLoS One , v. 14, p. e0218334, 2019.

  • DA SILVA, BRUNA S. ; CUPERTINO, RENATA B. ; SCHUCH, JAQUELINE B. ; KAPPEL, DJENIFER B. ; SANVICENTE-VIEIRA, BRENO ; BANDEIRA, CIBELE E. ; von Diemen, Lisia ; KESSLER, FELIX H.P. ; GREVET, EUGENIO H. ; GRASSI-OLIVEIRA, RODRIGO ; BAU, CLAITON H.D. ; ROVARIS, DIEGO L. . The association between SYT1-rs2251214 and cocaine use disorder further supports its role in psychiatry. PROGRESS IN NEURO-PSYCHOPHARMACOLOGY & BIOLOGICAL PSYCHIATRY , v. 94, p. 109642, 2019.

  • MARCHI, NINO CESAR ; SCHERER, JULIANA NICHTERWITZ ; FARA, LETÍCIA SCHWANCK ; REMY, LYSA ; ORNEL, RAFAELA ; REIS, MONIQUE ; ZAMBONI, AMANDA ; PAIM, MARIANA ; FIORENTIN, TAÍS REGINA ; WAYHS, CARLOS ALBERTO YASIN ; von Diemen, Lisia ; PECHANSKY, FLAVIO ; Kessler, Felix Henrique Paim ; LIMBERGER, RENATA PEREIRA . Clinical and Toxicological Profile of NBOMes: A Systematic Review. PSYCHOSOMATICS , v. 60, p. 129-138, 2019.

  • STOLF, ANDERSON R. ; CUPERTINO, RENATA B. ; MÜLLER, DIANA ; SANVICENTE-VIEIRA, BRENO ; ROMAN, TATIANA ; VITOLA, EDUARDO S. ; GREVET, EUGENIO H. ; von Diemen, Lisia ; KESSLER, FELIX H. P. ; GRASSI-OLIVEIRA, RODRIGO ; BAU, CLAITON H. D. ; ROVARIS, DIEGO L. ; PECHANSKY, FLAVIO ; SCHUCH, JAQUELINE B. . Effects of DRD2 splicing-regulatory polymorphism and DRD4 48 bp VNTR on crack cocaine addiction. JOURNAL OF NEURAL TRANSMISSION , v. 126, p. 193-199, 2019.

  • ESCOBAR, MARIANA ; SCHERER, JULIANA NICHTERWITZ ; ORNELL, FELIPE ; BRISTOT, GIOVANA ; SOARES, CASSIA MEDINO ; GUIMARÃES, LUCIANO SANTOS PINTO ; VON DIEMEN, LÍSIA ; PECHANSKY, Flavio . Leptin levels and its correlation with crack-cocaine use severity: A preliminary study. NEUROSCIENCE LETTERS , v. 671, p. 56-59, 2018.

  • PACHADO, MAYRA PACHECO ; SCHERER, JULIANA NICHTERWITZ ; GUIMARÃES, LUCIANO SANTOS PINTO ; DIEMEN, Lisia Von ; PECHANSKY, F. ; KESSLER, FELIX HENRIQUE PAIM ; DE ALMEIDA, ROSA MARIA MARTINS . Markers for Severity of Problems in Interpersonal Relationships of Crack Cocaine Users from a Brazilian Multicenter Study. PSYCHIATRIC QUARTERLY , v. 1, p. 1-1, 2018.

  • ESCOBAR, MARIANA ; SCHERER, JULIANA N. ; SOARES, CASSIA M. ; GUIMARÃES, LUCIANO S.P. ; HAGEN, MARTINE E. ; von Diemen, Lisia ; PECHANSKY, FLAVIO . Active Brazilian crack cocaine users: nutritional, anthropometric, and drug use profiles. REVISTA BRASILEIRA DE PSIQUIATRIA , v. 40, p. 354-360, 2018.

  • HILGERT, JULIANA B. ; BIDINOTTO, AUGUSTO B. ; PACHADO, MAYRA P. ; FARA, LETÍCIA S. ; von Diemen, Lisia ; DE BONI, RAQUEL B. ; BOZZETTI, MARY C. ; PECHANSKY, FLÁVIO . Satisfaction and burden of mental health personnel: data from healthcare services for substance users and their families. REVISTA BRASILEIRA DE PSIQUIATRIA , v. 40, p. 403-409, 2018.

  • HALPERN, SILVIA CHWARTZMANN ; SCHUCH, FELIPE BARRETO ; SCHERER, JULIANA NICHTERWITZ ; SORDI, ANNE ORGLER ; PACHADO, MAYRA ; DALBOSCO, CARLA ; FARA, LETÍCIA ; PECHANSKY, F. ; KESSLER, Felix ; DIEMEN, Lisia Von . Child Maltreatment and Illicit Substance Abuse: A Systematic Review and Meta-Analysis of Longitudinal Studies. Child Abuse Review , v. 27, p. 344-360, 2018.

  • ORNELL, FELIPE ; HANSEN, FERNANDA ; SCHUCH, FELIPE BARRETO ; PEZZINI REBELATTO, FERNANDO ; TAVARES, ANA LAURA ; SCHERER, JULIANA NICHTERWITZ ; VALERIO, ANDREI GARZIERA ; PECHANSKY, FLAVIO ; PAIM KESSLER, FELIX HENRIQUE ; von Diemen, Lisia . Brain-derived neurotrophic factor in substance use disorders: A systematic review and meta-analysis. DRUG AND ALCOHOL DEPENDENCE , v. 193, p. 91-103, 2018.

  • LIMBERGER, R. ; KESSLER, F. H. P. ; DIEMEN, Lisia Von ; FIORENTIN, T. R. ; WAYHS, C. A. ; REIS, M. ; ZAMBONI, A. ; PAIM, M. ; FARA, L. S. ; SCHERER, J. N. ; ORNEL, R. . Clinical and toxicological profile of NBOMes: A systematic review. PSYCHOSOMATICS , p. 1-10, 2018.

  • LOPES-ROSA, RONALDO ; KESSLER, FÉLIX P. ; PIANCA, THIAGO G. ; GUIMARÃES, LUCIANO ; FERRONATO, PEDRO ; PAGNUSSAT, ESEQUIEL ; MOURA, HELENA ; PECHANSKY, Flavio ; von Diemen, Lisia . Predictors of early relapse among adolescent crack users. JOURNAL OF ADDICTIVE DISEASES , v. 2, p. 1-8, 2017.

  • SCHUCH-GOI, SILVIA BASSANI ; GOI, PEDRO DOMINGUES ; BERMUDEZ, MARIANE ; FARA, LETICIA SCHWANCK ; KESSLER, FÉLIX PAIM ; PECHANSKY, Flavio ; Gama, Clarissa Severino ; MASSUDA, RAFFAEL ; von Diemen, Lisia . Accumbens volumes are reduced among crack-cocaine users. NEUROSCIENCE LETTERS , v. 645, p. 86-89, 2017.

  • ROVARIS, DIEGO L. ; SCHUCH, JAQUELINE B. ; GRASSI-OLIVEIRA, RODRIGO ; SANVICENTE-VIEIRA, BRENO ; DA SILVA, BRUNA S. ; WALSS-BASS, CONSUELO ; MÜLLER, DIANA ; STOLF, ANDERSON R. ; von Diemen, Lisia ; CERESÉR, KEILA M.M. ; PIANCA, THIAGO G. ; SZOBOT, CLAUDIA M. ; KESSLER, FELIX H.P. ; ROMAN, TATIANA ; BAU, CLAITON H.D. . Effects of crack cocaine addiction and stress-related genes on peripheral BDNF levels. JOURNAL OF PSYCHIATRIC RESEARCH , v. 90, p. 78-85, 2017.

  • SCHERER, JULIANA NICHTERWITZ ; FIORENTIN, TAÍS REGINA ; BORILLE, BRUNA TASSI ; PASA, GRACIELA ; SOUSA, TANARA ROSANGELA VIEIRA ; von Diemen, Lisia ; LIMBERGER, RENATA PEREIRA ; PECHANSKY, FLAVIO . Reliability of point-of-collection testing devices for drugs of abuse in oral fluid: A systematic review and meta-analysis. JOURNAL OF PHARMACEUTICAL AND BIOMEDICAL ANALYSIS , v. 143, p. 77-85, 2017.

  • SCHUCH-GOI, SILVIA BASSANI ; SCHERER, JULIANA NICHTERWITZ ; KESSLER, FELIX HENRIQUE PAIM ; SORDI, ANNE ORGLER ; PECHANSKY, F. ; DIEMEN, Lisia Von . Hepatitis C: clinical and biological features related to different forms of cocaine use. TRENDS IN PSYCHIATRY AND PSYCHOTHERAPY , v. 39, p. 285-292, 2017.

  • PIANCA, THIAGO GATTI ; SORDI, ANNE ORGLE ; HARTMANN, THIAGO CASARIN ; von Diemen, Lisia . Identification and initial management of intoxication by alcohol and other drugs in the pediatric emergency room. Jornal de Pediatria , v. 93, p. 46-52, 2017.

  • HALPERN, SILVIA CHWARTZMANN ; SCHERER, JULIANA NICHTERWITZ ; ROGLIO, VINICIUS ; FALLER, SIBELE ; SORDI, ANNE ; ORNELL, FELIPE ; Dalbosco, Carla ; PECHANSKY, FLAVIO ; Kessler, Félix ; Diemen, Lísia Von . Vulnerabilidades clínicas e sociais em usuários de crack de acordo com a situação de moradia: um estudo multicêntrico de seis capitais brasileiras. Cadernos de Saude Publica , v. 33, p. 1-13, 2017.

  • 2016 SUKOP, P.H. ; KESSLER, F.H.P. ; VALERIO, A.G. ; ESCOBAR, M. ; CASTRO, M. ; DIEMEN, L.V. . Wernicke?s Encephalopathy in Crack-Cocaine Addiction. Medical Hypotheses , v. 89, p. 68-71, 2016.

  • 2016 von Diemen, Lisia ; Kessler, Felix Henrique Paim . Usefulness of AFD concept: limitations to overcome. Addiction (Abingdon. Print) , v. 111, p. n/a-n/a, 2016.

  • 2016 SCHERER, JULIANA N. ; SCHUCH, SILVIA ; ORNELL, FELIPE ; SORDI, ANNE O. ; BRISTOT, GIOVANA ; PFAFFENSELLER, BIANCA ; KAPCZINSKI, FLÁVIO ; KESSLER, FELIX H.P. ; FUMAGALLI, FABIO ; PECHANSKY, FLAVIO ; von Diemen, Lisia . High levels of brain-derived neurotrophic factor are associated with treatment adherence among crack-cocaine users. Neuroscience Letters (Print) , v. 630, p. 169-175, 2016.

  • 2016 SCHERER, JULIANA NICHTERWITZ ; SILVESTRIN, ROBERTA ; ORNELL, FELIPE ; ROGLIO, VINÍCIUS ; SOUSA, TANARA ROSANGELA VIEIRA ; von Diemen, Lisia ; Kessler, Felix Henrique Paim ; PECHANSKY, FLAVIO . Erratum to -Prevalence of driving under the influence of psychoactive substances and road traffic crashes among Brazilian crack-using drivers- [Drug Alcohol Depend. (2016) 255-262]. Drug and Alcohol Dependence , v. 1, p. e227, 2016.

  • 2016 HARTMANN, INGRID BORBA ; FRIES, GABRIEL RODRIGO ; BÜCKER, JOANA ; SCOTTON, ELLEN ; von Diemen, Lisia ; KAUER-SANT?ANNA, MARCIA . The FKBP5 polymorphism rs1360780 is associated with lower weight loss after bariatric surgery: 26 months of follow-up. Surgery for Obesity and Related Diseases , v. 12, p. 1554-1560, 2016.

  • SCHERER, JULIANA NICHTERWITZ ; SILVESTRIN, ROBERTA ; ORNELL, FELIPE ; ROGLIO, VINÍCIUS ; SOUSA, TANARA ROSANGELA VIEIRA ; DIEMEN, Lisia Von ; KESSLER, FELIX HENRIQUE PAIM ; PECHANSKY, F. . Prevalence of driving under the influence of psychoactive substances and road traffic crashes among Brazilian crack-using drivers. DRUG AND ALCOHOL DEPENDENCE , v. 168, p. 255-262, 2016.

  • 2015 FALLER, SIBELE ; ROCHA, N. S. ; BENZANO, D. ; LIMA, A. F. S. ; Stolf, A. R. ; SORDI, A. O. ; MOURA, H. ; PEUKER, Ana Carolina ; WOODY, G. E. ; Brazilian ASI Group ; PECHANSKY, FLAVIO ; KESSLER, Félix Henrique Paim ; DIEMEN, Lisia Von . Factors Associated With a Quality of Life Decrease in Alcoholic Patients Who Sought Treatment. Journal of Addiction Research & Therapy , v. 6, p. 2-6, 2015.

  • 2015 GONÇALVES, VERALICE MARIA ; PEDROSO, ROSEMERI ; SANTOS, ANTÔNIO MARCOS DOS ; DIEMEN, Lisia Von ; PECHANSKY, FLAVIO . Following Up Crack Users after Hospital Discharge Using Record Linkage Methodology: An Alternative to Find Hidden Populations. BIOMED RES INT , v. 2015, p. 1-5, 2015.

  • 2015 SORDI, A. O. ; HAUCK, S. ; Laitano, H ; Sílvia Chwartzmann Halpern ; Schuch, S ; KESSLER, Félix Henrique Paim ; von Diemen, Lisia ; NARVAEZ, J. ; GUIMARÃES, LUCIANO SANTOS PINTO ; PECHANSKY, F. . Childhood trauma and resilience: vulnerabilities to develop crack/cocaine dependence. journal of alcoholism & drug dependence , v. 3, p. 227, 2015.

  • 2014 von Diemen, Lisia . New psychoactive substances: issues about the new approach from New Zealand government. Addiction (Abingdon. Print) , v. 109, p. 1588-1589, 2014.

  • 2014 SORDI, ANNE ORGLE ; PECHANSKY, Flavio ; Kessler, Felix Henrique Paim ; KAPCZINSKI, FLÁVIO ; PFAFFENSELLER, BIANCA ; GUBERT, CAROLINA ; DE AGUIAR, BIANCA WOLLENHAUPT ; DE MAGALHÃES NARVAEZ, JOANA CORREA ; ORNELL, FELIPE ; von Diemen, Lisia . Oxidative stress and BDNF as possible markers for the severity of crack cocaine use in early withdrawal. Psychopharmacologia (Heidelberg) , v. 231, p. 4031-4039, 2014.

  • 2013 MOURA, HELENA FERREIRA ; FALLER, Sibele ; BENZANO, Daniela ; SZOBOT, CLÁUDIA ; DIEMEN, Lisia Von ; STOLF, ANDERSON RAVY ; Souza-Formigoni, Maria Lucia ; Cruz, Marcelo Santos ; BRASILIANO, Sílvia ; PECHANSKY, F. ; Pechansky, Flavio ; KESSLER, FELIX HENRIQUE PAIM . The Effects of ADHD in Adult Substance Abusers. Journal of Addictive Diseases (Print) , v. 32, p. 252-262, 2013.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

von Diemen, Lisia . Aperfeiçoamento em técnicas para fiscalização do uso de álcool e outras drogas no trânsito. 2015. (Coordenadora Adjunta/Extensão).

von Diemen, Lisia . Workshop - Uso de Técnicas Motivacionais na Abordagem e na Adesão do Paciente ao Tratamento. 2013. (Coordenadora).

von Diemen, Lisia . Aperfeiçoamento em técnicas para fiscalização do uso de álcool e outras drogas no trânsito. 2012. (Sub-Coordenadora).

von Diemen, Lisia . Crack, álcool e outras drogas: ação integrada entre as redes de segurança pública, saúde e assistência social. 2012. (Coordenadora).

von Diemen, Lisia . Crack, álcool e outras drogas: ação integrada entre as redes de segurança pública, saúde e assistência social. 2012. (Coordenadora).

von Diemen, Lisia . Crack, álcool e outras drogas: ação integrada entre as redes de segurança pública, saúde e assistência social. 2012. (Coordenadora).

von Diemen, Lisia . Especialização em Gestão e Tratamento de Usuários de Crack e outras Drogas. 2012. (Coordenadora/Especialização).

von Diemen, Lisia . Tratamento da dependência de crack e outras drogas: aperfeiçoamento para profissionais de saúde e assistência social. 2012. (Coordenadora).

von Diemen, Lisia . Tratamento da dependência de crack e outras drogas: aperfeiçoamento para profissionais de saúde e assistência social. 2012. (Coordenadora).

von Diemen, Lisia . Tratamento da dependência de crack e outras drogas: aperfeiçoamento para profissionais de saúde e assistência social. 2012. (Coordenadora).

von Diemen, Lisia . Crack, álcool e outras drogas: ação integrada entre as redes de segurança pública, saúde e assistência social. 2012. (Coordenadora).

von Diemen, Lisia . Crack, álcool e outras drogas: ação integrada entre as redes de segurança pública, saúde e assistência social. 2012. (Coordenadora).

von Diemen, Lisia . Primeiro curso de extensão em economia da saúde. 2008. (Palestrante/Extensão).

von Diemen, Lisia . Atualização em Alcoolismo no Programa de Ensino Avançado da UniAMRIGS. 2008. (Palestrante).

von Diemen, Lisia . I Congresso Sul de Toxicologia Clínico-Laboratorial. 2008. (Palestrante).

von Diemen, Lisia . XVI Congresso da ABEAD. 2004. (Palestrante).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2015 - Atual

    ASSOCIAÇÃO DA INTERVENÇÃO DE CUE EXPOSURE SOBRE OS NÍVEIS DE CORTISOL SALIVAR EM DEPENDENTES DE CRACK INTERNADOS NO HOSPITAL DE CLÍNICAS DE PORTO ALEGRE, Descrição: O craving possui papel central no processo de tratamento e de recaída adjacente aos transtornos por uso de substâncias, todavia, pouco se sabe sobre os mecanismos biológicos subjacentes e sobre a eficácia de intervenções possam modificá-lo. Neste sentido a intervenção cue exposure tem se mostrado uma alternativa promissora. Este estudo tem por objetivo avaliar se os níveis de cortisol salivar verificados na intervenção de cue exposure estão relacionados com o tempo de permanência no tratamento hospitalar para desintoxicação. Trata-se de um ensaio clínico aberto, com um grupo, que será submetido a uma intervenção de cue exposure e uma intervenção de estímulo neutro. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Lisia von Diemen - Coordenador / Félix Henrique Paim Kessler - Integrante / Juliana Nichtewitz Scherer - Integrante / KARINA PROENÇA LIGABUE - Integrante / Felipe Ornell - Integrante / Milena Stivelman do Nascimento - Integrante., Financiador(es): Fundo de Incentivo à Pesquisa e Eventos - Auxílio financeiro.

  • 2014 - Atual

    Preditores Clínicos, Biológicos e Psicossociais da Recaída Precoce em Usuários de Crack, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Flavio Pechansky em 19/01/2016., Descrição: A identificação das características de grupos com evoluções e respostas diferentes a tratamentos podem direcionar intervenções mais específicas e com maiores taxas de recuperação. Em conjunto, a avaliação neurocognitiva, BDNF, NPY e marcadores de estresse oxidativo são potenciais marcadores de recaída precoce em usuários de crack e podem contribuir de forma importante para a construção de modelos prognósticos de recaída precoce. O objetivo principal é avaliar fatores clínicos, biológicos e psicossociais preditores de recaída ou abandono de tratamento precoce em 200 usuários de crack após internação em unidade de tratamento de dependência química em hospital geral. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Lisia von Diemen - Integrante / Flavio Pechansky - Coordenador / Félix Henrique Paim Kessler - Integrante / Joana Narvaez - Integrante / Anne Orgler Sordi - Integrante / Roberta Bristot Silvestrin - Integrante., Financiador(es): Fundo de Incentivo à Pesquisa e Eventos - Auxílio financeiro / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.

  • 2014 - Atual

    AVALIAÇÃO NEUROANATÔMICA E NEUROPSICOLÓGICA DE USUÁRIOS DE CRACK: UM ESTUDO TRANSVERSAL, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Flavio Pechansky em 20/01/2016., Descrição: Estima-se que o uso crônico de crack ocasione a diminuição do desempenho cognitivo e alterações e disfunções em partes específicas do cérebro que prejudicam a capacidade de tomada de decisão. Sabe-se que comorbidades psiquiátricas são fatores contribuintes nesse processo. Estima-se que os déficits decorrentes do uso de crack perdurem por longo prazo, podendo ser irreversíveis, especialmente no comprometimento cognitivo, atencional, na memória, aprendizagem, formação de conceitos, habilidades viso-espaciais, resolução de problemas e funções executivas. Todavia, estudos de seguimento com uma adequada avaliação neuropsicológica e com exames de neuroimagem destes pacientes são muito escassos na literatura. Os danos neurocognitivos e neuroanatômicos causados pela droga ainda não estão bem documentados e podem ter uma implicação importante na abordagem terapêutica. Neste sentido, ressalta-se que a efetividade das abordagens terapêuticas já testadas até o momento é baixa, em parte devido à baixa adesão que os usuários de crack apresentam aos tratamentos propostos e às altas taxas de recaída precoce, que podem estar correlacionadas diretamente com o grau de dano cerebral, o qual afeta também a capacidade de empatia e planejamento a longo prazo. Cada vez mais, investigadores buscam as diferenças entre os perfis de pacientes, a fim de aprimorar as estratégias de tratamento e o vínculo com os pacientes, e as neurociências podem contribuir de forma relevante neste aspecto. O objetivo geral desta pesquisa é verificar a associação existente entre os marcadores biológicos, cognitivos e de neuroimagem em usuários de crack. A proposta desse projeto é estudar a associação entre os aspectos cognitivos e as possíveis alterações em neuroimagem nestes pacientes; correlacionar os achados com os níveis séricos de neurotrofinas, de marcadores de estresse oxidativo e de inflamação. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Lisia von Diemen - Integrante / Flavio Pechansky - Coordenador / Félix Henrique Paim Kessler - Integrante / Anne Orgler Sordi - Integrante / Silvia Schuch - Integrante / LEONARDO MODESTI VEDOLIN - Integrante / PEDRO DOMINGUES GOI - Integrante / Vanessa Loss Volpatto - Integrante., Financiador(es): Fundo de Incentivo à Pesquisa e Eventos - Auxílio financeiro.

  • 2014 - Atual

    Associação entre a dependência de crack e níveis de vitaminas do complexo B e alumínio no sangue, Descrição: Estudos tem evidenciado a associação entre dependência de álcool e carência nutricional, porém, pouca atenção tem sido dispensada a compreensão da condição nutricional de dependentes de outras substâncias. Há diversos quadros clínicos associados a deficiências de vitaminas, particularmente do complexo B. A tiamina é uma vitamina obtida exclusivamente pela absorção intestinal de alimentos contendo este micronutriente. O déficit de tiamina no organismo pode levar a um quadro grave de encefalopatia, a encefalopatia de Wernicke (EW). Esta falta mais frequentemente origina-se de quadros de carência nutricional, doenças crônicas, cirurgias e doenças do trato digestivo, diálise, nutrição parenteral prolongada e dependência de álcool, todavia não está claro se o consumo de crack pode estar associado a esta condição. Este projeto tem como objetivo principal avaliar a associação entre a dependência de crack e deficiência de tiamina - carência que leva a perda neuronal e déficit cognitivo. Para tanto, serão avaliados os níveis sanguíneos de vitaminas (tiamina e piridoxina) e de alumínio em usuários de crack, internados, correlacionando-os com a presença de alterações neurológicas, índice de massa corporal e características do uso de crack e da alimentação. Estes dados serão comparados com os obtidos de controles saudáveis. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Lisia von Diemen - Coordenador / Félix Henrique Paim Kessler - Integrante / Paula Herynkopf Sukop - Integrante / ANDREI GARZIERA VALERIO - Integrante / Mariana Escobar - Integrante / Marcio Silveira da Silva - Integrante / Vanessa Assunção Batista - Integrante / Fernando Pezzini Rebelatto - Integrante., Financiador(es): Fundo de Incentivo à Pesquisa e Eventos - Auxílio financeiro.

  • 2014 - Atual

    ASSOCIAÇÃO ENTRE ESTADO NUTRICIONAL, NÍVEIS SÉRICOS DE LEPTINA E GRELINA E PADRÃO DE CONSUMO DE CRACK, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Flavio Pechansky em 20/01/2016., Descrição: A ação rápida do crack no sistema de recompensa cerebral resulta na busca excessiva pela substância e pode conduzir a negligência de comportamentos primários, como a alimentação, acarretando problemas nutricionais e a desnutrição. Volkow sugere a possibilidade de que alimentos e drogas de abuso possam atuar nos mesmos mecanismos de recompensa cerebrais. Não existem estudos mensurando a associação entre estado nutricional e peptídeos reguladores do comportamento alimentar em usuários de crack. Trata-se de um estudo Longitudinal que objetiva verificar se há associação entre o estado nutricional e os níveis séricos de Leptina e Grelina com o padrão de consumo de Crack. Os dados serão coletados na baixa hospitalar e após 15 dias de internação ou no dia da alta hospitalar, caso ocorra antes deste período. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (3) Doutorado: (2) . , Integrantes: Lisia von Diemen - Integrante / Flavio Pechansky - Coordenador / Juliana Nichtewitz Scherer - Integrante / Alessandra Mendes Calixto - Integrante / Mariana Escobar - Integrante / Felipe Ornell - Integrante / LUCAS FRANCA GARCIA - Integrante / CASSIO LAMAS PIRES - Integrante / CHARLISE PASUCH DE OLIVEIRA - Integrante / CASSIA MEDINO SOARES - Integrante., Financiador(es): Fundo de Incentivo à Pesquisa e Eventos - Auxílio financeiro.

  • 2013 - Atual

    Avaliação de uma intervenção de capacitação do efetivo da Polícia Rodoviária Federal do Brasil através de verificação do processo de construção de conhecimentos relativos a substâncias psicoativas e sua influência no trânsito brasileiro, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Flavio Pechansky em 20/01/2016., Descrição: A capacitação dos policiais do Departamento de Polícia Rodoviária Federal (DPRF) na temática vinculada ao uso de substâncias psicoativas no trânsito brasileiro é fundamental para orientar o correto uso dos etilômetros e o desenvolvimento de habilidades em abordagem dos condutores que apresentam sinais de consumo de álcool ou outras drogas, constituindo uma ferramenta importante na melhora da fiscalização nas rodovias. Da mesma forma, o conhecimento sobre a percepção dos próprios policiais em relação às dificuldades de fiscalização de motoristas sob efeito de álcool e outras drogas poderá orientar políticas públicas voltadas à facilitação do trabalho e da segurança dos PRFs e dos condutores. Frente a isso, o objetivo principal desse estudo é avaliar a intervenção que será realizada junto aos policiais traçando, também, um panorama sobre o conhecimento dos PRFs sobre questões relacionadas ao uso de álcool e outras drogas nas rodovias e suas percepções acerca das dificuldades de fiscalização. Este projeto está vinculado à capacitação dos policiais do Departamento de Polícia Rodoviária Federal (DPRF) na temática vinculada ao uso de substâncias psicoativas no trânsito brasileiro. Trata-se de uma parceria SENAD com o HCPA e o Centro de Pesquisas em Álcool e Drogas UFRGS/HCPA. Estima-se uma participação de 3.000 policiais rodoviários federais no estudo, 2000 antigos (da ativa) e 1000 novos (em formação), integrantes do efetivo do DPRF em todos os estados do país e no Distrito Federal. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Lisia von Diemen - Integrante / Flavio Pechansky - Coordenador / Félix Henrique Paim Kessler - Integrante / Carla Dalbosco - Integrante / Sibele Faller - Integrante / Graciela Gema Pasa - Integrante / AURINEZ ROSPIDE SCHMITZ - Integrante., Financiador(es): Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas - Auxílio financeiro.

  • 2012 - Atual

    EFEITOS DA EXPOSIÇÃO AO ETANOL NA ADOLESCÊNCIA SOBRE A ATENÇÃO, IMPULSIVIDADE E AGRESSIVIDADE DE RATOS WISTAR, Descrição: Estudos longitudinais sugerem que o início precoce no consumo de álcool está relacionado ao maior consumo na vida adulta. Além disso, o álcool aumenta a severidade de comportamentos agressivos e a probabilidade de envolvimento em acidentes. A precocidade e a severidade do consumo de álcool também podem ser influenciados por um conjunto de características relacionadas à capacidade de autocontrole, como agressividade e impulsividade. A literatura apresenta resultados divergentes sobre o efeito causal dessas características no consumo precoce de álcool. Com relação à desinibição comportamental, a dependência ao álcool na vida adulta parece ser influenciada pelo grau de desatenção , hiperatividade , agressividade e impulsividade na infância e adolescência. O objetivo do presente projeto é avaliar, em ratos, os efeitos da exposição ao etanol durante a adolescência sobre a ansiedade, atenção, impulsividade e agressividade na vida adulta. O estudo será dividido em 4 etapas, a saber: Etapa 1- Exposição ao álcool na adolescência e avaliação do comportamento de risco, ansiedade e atividade locomotora: 144 ratos Wistar machos com idade de 21 dias. Etapa 2 - Avaliação da atenção em ratos expostos ao álcool na adolescência: 36 ratos utilizados da Etapa 1. Etapa 3 - Avaliação da impulsividade em ratos expostos ao álcool na adolescência: 36 ratos expostos ou não ao etanol durante a adolescência derivados da Etapa 1. Etapa 4 - Avaliação da agressividade em ratos expostos ao álcool na adolescência: 36 ratos de 60 dias de idade expostos ou não ao etanol durante a adolescência derivados do Estudo 1, s 36 ratos Wistar de mesma idade (intrusos), mantidos desde o dia 21 pós-natal em condições similares às dos animais dos outros grupos. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (3) Doutorado: (1) . , Integrantes: Lisia von Diemen - Integrante / Flavio Pechansky - Integrante / Flávio Kapczinski - Integrante / Rosa Maria Martins de Almeida - Coordenador / Lisiane Bizarro Araújo - Integrante., Financiador(es): Fundo de Incentivo à Pesquisa e Eventos - Auxílio financeiro.

  • 2011 - 2014

    Resiliência e Dependência Química: Um estudo sobre seus aspectos dinâmicos e biológicos em uma população usuária de crack, Descrição: O termo resiliência engloba um conceito que transita entre aspectos físicos, biológicos e psíquicos. Quando aplicado à pratica psiquiátrica, a resiliência refere-se à capacidade do indivíduo de enfrentar as adversidades, manter uma capacidade adaptativa, ser transformado por elas, recuperar-se, ou conseguir superá-las. Estudos mostram o desenvolvimento desta capacidade pode estar relacionado com experiências primitivas na infância que modulam circuitos neuroquimicos. Desta maneira, torna-se muito iimportante estudarmos este constructo em uma popualção usuária de drogas, visto que o uso de substâncias é o recurso que utilizam para lidar com situações adversas. Entender como se estabelece o desenvolvimento da resiliência em usuários de drogas pode ser importante para o desenvolvimento e aperfeiçoamento de técnicas terapeuticas. Estudo Transversal. Casos são 80 pacientes internados no Hospital Psiquiátrico São Pedro, com diagnóstico de abuso de crack. Controles são 80 indivíduos usuários de substâncias que não o crack, 80 indivíduos não usuários de SPA. Os oitenta indivíduos usuários de outras drogas que não o crack serão selecionados a partir de uma amostra comunitária proveniente do Bairro Matias Velho, Município de Canoas, Rio Grande do Sul. Os oitenta indivíduos não usuários de SPA serão selecionados a partir desta mesma amostra e a partir de uma amostra de familiares de pacientes internados no Hospital de Clínicas de Porto Alegre. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Lisia von Diemen - Integrante / Félix Henrique Paim Kessler - Integrante / Flavio Pechansky - Coordenador / Anne Ogler Sordi - Integrante / STEFANIA PIGATTO TECHE - Integrante / simone hauck - Integrante / Renata Limberger - Integrante / Bruna Kuhn de Freitas Silva - Integrante., Financiador(es): Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas - Auxílio financeiro.

  • 2011 - Atual

    PSICOPATOLOGIA ASSOCIADA À OBESIDADE E EXPERIÊNCIAS TRAUMÁTICAS: ALTERAÇÕES DO HUMOR, COGNIÇÃO E NEUROBIOLOGIA, Descrição: A associação entre exposição a eventos traumáticos ao longo da vida e psicopatologia tem sido descrita em diversos estudos e, mais recentemente, o papel do trauma no desenvolvimento da obesidade tem sido investigado. O estresse experimentado precocemente na vida parece ter consequências danosas para o desenvolvimento cerebral, incluindo regiões relacionadas às funções cognitivas e a alterações neurobiológicas. Não há estudos sobre estas alterações neurobiológicas em pacientes obesos submetidos à cirurgia bariátrica e também não há estudos sobre a associação entre as alterações das neurotrofinas com sintomas de humor e trauma na infância nesses pacientes. O objetivo geral desta pesquisa é investigar os fatores associados à obesidade e psicopatologia, para isso serão selecionados 60 pacientes obesos com IMC maior ou igual a 35 ou que apresentarem medidas de circunferência abdominal acima de 102 cm para homens e acima de 88 cm para mulheres, encaminhados para a realização de cirurgia bariátrica no Hospital de Clínicas de Porto Alegre pareados com o grupo controle que será constituído por 60 acompanhantes de pacientes dos ambulatórios de cardiologia, dermatologia e ginecologia do Hospital de Clínicas de Porto Alegre, hígidos, não obesos. Dados referentes ao IMC, pressão arterial e exames laboratoriais serão obtidos do prontuário dos pacientes. Será coletada amostra de sangue para a realização de análises laboratoriais. Um ano após a realização da cirurgia bariátrica, será realizada a segunda fase do protocolo, que incluirá a reaplicação de escalas psiquiátricas e testes neuropsicológicos. A análise compreende as seguintes dosagens: níveis séricos de BDNF ; pesquisa do alelo Met de baixa atividade do gene do BDNF; pesquisa da metilação do gene do BDNF. , Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Doutorado: (1) . , Integrantes: Lisia von Diemen - Integrante / Marcia Kauer Samt'anna - Coordenador / Ingrid Hartmann - Integrante.

  • 2010 - 2014

    Prospecção de marcadores biológicos associados à toxicidade sistêmica e neural desencadeados pelo uso de cocaína tipo crack ao longo do ciclo da vida., Descrição: Estudo 1 - Estudo de Polimorfismos Genéticos em Usuários de Crack em Tratamento Objetivos gerais Investigar diferentes polimorfismos presentes nos genes codificadores da enzima catecol-metil-transferase (COMT), do transportador de dopamina (DAT1) e dos receptores dopaminérgicos D2 e D3 (DRD2 e DRD3, respectivamente ) em usuários de crack em tratamento. Estudo 2- Prospecção de marcadores biológicos associados à toxicidade sistêmica e neural desencadeados pelo uso de cocaína tipo crack Objetivos específicos - Avaliar se o índice de toxicidade sistêmico no início da internação hospitalar é diferente em usuários de crack e em controles. - Avaliar se o nível de toxicidade sistêmico está relacionado com o desempenho em testes neurocognitivos. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (6) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Lisia von Diemen - Integrante / Claudia Szobot - Integrante / Flavio Pechansky - Coordenador / STOLF, ANDERSON RAVY - Integrante / Flávio Kapczinski - Integrante / Tatiana Roman - Integrante / Ricardo Halpern - Integrante / Keila Maria Cereser - Integrante., Financiador(es): Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas - Outra.

  • 2010 - 2014

    Avaliação, gerenciamento de caso e seguimento de usuários de crack que se encontram em tratamento em seis estados brasileiros, Descrição: O Gerenciamento de Casos é uma abordagem terapêutica desenvolvida nos EUA, no final dos anos 1960, quando os serviços de saúde mental passaram a ocorrer em ambulatórios localizados em centros de saúde mental na comunidade, com assistentes sociais integrando suas equipes (ref). Esse modelo se tornou popular nos anos 1990 como uma etapa essencial no tratamento do abuso de SPAs, ocorrendo principalmente na transição entre internação e tratamento ambulatorial. A eficácia do GC, contudo, ainda não foi testada no Brasil, e não foram encontrados estudos publicados na literatura internacional sobre a técnica direcionada especificamente para usuários de crack. Este estudo tem como objetivo avaliar a eficácia da técnica de Gerenciamento de Casos em usuários de crack, realizada pelos CRAS (Centro de Referência de Assistência Social), em comparação ao tratamento convencional dos centros envolvidos no estudo, em 30 e 90 dias. Inicialmente, o estudo apresentará delineamento transversal e, em um segundo momento, será realizado um ensaio clínico randomizado. A amostra inicial será composta por 300 pacientes usuários de crack, maiores do que 18 anos, internados em centros especializados no tratamento da dependência química. Serão avaliados 50 pacientes em cada uma das seguintes capitais brasileiras: Porto Alegre, São Paulo, Rio de Janeiro, Vitória, Brasília e Salvador. Em um segundo momento, serão selecionados, através de sorteio, mais 100 pacientes usuários de crack, em cada uma destas seis cidades, para o ensaio clínico randomizado. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (6) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . , Integrantes: Lisia von Diemen - Integrante / Flavio Pechansky - Coordenador / Sibele Faller - Integrante / FÉLIX HENRIQUE PAIM KESSLER - Integrante / ANA CAROLINA PEUKER - Integrante.

  • 2010 - 2011

    Ações Integradas - Componente 3, Descrição: O consumo abusivo de álcool e outras substancias psicoativas pode ser considerado um problema de saúde pública no Brasil. Estimativas apontam que as taxas de dependência de álcool encontram-se por volta de 12,3% e o uso de drogas ilícitas, alguma vez na vida, em torno de 22,8%, sendo que é estimado que um quinto dos paciente atendidos na atenção primária apresentem transtornos relacionados ao uso de álcool. Além disso, as consequências do abuso e/ou dependência causam um impacto considerável à população, como, por exemplo, altas taxas de homicídios e de acidentes de trânsito, relacionadas ao álcool. Estudos recentes e as apreensões de drogas ilícitas apontam que uso de substâncias vem aumentando no país, o que pode onerar de forma ainda mais contundente o sistema de saúde, bem como a qualidade de vida da população. Este projeto foi desenvolvido através de uma parceria entre Centro de Estudos e Pesquisa em Álcool e Drogas (CPAD), HCPA, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e pela Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas (SENAD).O Ações Integradas tem como principal objetivo articular e fortalecer a rede de tratamento e reinserção social de usuários de substâncias psicoativas, capacitando os profissionais envolvidos de forma a gerar sustentabilidade das ações nas cinco regiões definidas junto ao PRONASCI Distrito Federal, Bahia, Espírito Santo, Goiás, Rio de janeiro e Rio Grande do Sul. Este projeto busca dinamizar as ações de organismos governamentais e não governamentais de diferentes esferas, fazendo convergir os esforços para o fortalecimento da rede de proteção social, a partir do mapeamento das ações na área de saúde, incluindo tratamento e reinserção social. Todas as ações serão realizadas nas cinco áreas definidas pelo PRONASCI, a saber: Brasilia e entorno, Porto Alegre e região metropolitana, Rio de Janeiro e região metropolitana, Salvador e região metropolitana, Vitória e região metropolitana; totalizando um número de 60 municípios, nos quais a população estimada a ser beneficiada é de, aproximadamente, 24 milhões de habitantes. Após a identificação e fortalecimento dos serviços disponíveis, busca-se avaliar as diferentes forma de tratamento oferecidas e capacitar recursos humanos, de forma a fortalecer a rede necessária para a sustentabilidade das ações após o término do projeto. Após a ampla avaliação dos serviços disponíveis, o projeto busca integrar a rede através das seguintes estratégias: 1) utilizando técnicas de geoprocessamento que permitam a rápida visualização e localização das instituições existentes; 2) promovendo eventos de integração, capacitação e boas práticas para os profissionais envolvidos no processo de tratamento. A sustententabilidade do programa é obtida com a formação continuada de recusrsos humanos, através de cursos de especialização a serem elaborados e oferecidos por universidades federais em cada uma das cinco regiões. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Lisia von Diemen - Integrante / Felix Kessler - Integrante / Raquel Brandini De Boni - Integrante / Duarte, Paulina do Carmo Arruda Vieira - Integrante / Flavio Pechansky - Coordenador / José Roberto Goldim - Integrante / Renata Limberguer - Integrante / Henrich Hasenack - Integrante / Gabrielle Cunha - Integrante., Financiador(es): Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas - Auxílio financeiro.

  • 2009 - 2013

    Quantificação sérica do fator neurotrófico derivado do cérebro e suas correlações na síndrome de abstiência alcóolica: um estudo controlado, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Flavio Pechansky em 20/01/2016., Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Lisia von Diemen - Integrante / Flavio Pechansky - Coordenador., Financiador(es): Fundo de Incentivo à Pesquisa e Eventos - Auxílio financeiro.

  • 2008 - 2010

    Prevalência de Alcoolemias Positivas e de Outras Substâncias Psicoativas em Motoristas Profissionais e Privados do Brasil que Circulam em Rodovias que Cruzam Regiões Metropolitanas das Capitais Brasileiras, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Flavio Pechansky em 20/01/2016., Descrição: Estimar a prevalência de alcoolemia acima do limite legal e substâncias psicoativas Avaliar os fatores de risco /percepção de risco para dirigir sob influência de álcool/SPA Método: 3.388 condutores privados e profissionais de veículos que trafegam em rodovias federais que cruzam regiões metropolitanas das capitais brasileiras. Estudo transversal com amostra aleatória Quatro coletadores e um policial federal irão viajar alternadamente pelas 27 capitais brasileiras obtendo entrevistas, alcoolemia por bafômetro e presença do uso de drogas por Quantisal. Os dados serão armazenados em palmtops e enviados online para Porto Alegre. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (8) / Mestrado acadêmico: (28) . , Integrantes: Lisia von Diemen - Integrante / Flavio Pechansky - Coordenador / Raquel Brandini De Boni - Integrante., Financiador(es): Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas - Outra.

  • 2005 - 2013

    Validação transcultural do Addiction Severity Index (ASI) versão 6 para o Brasil, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Flavio Pechansky em 20/01/2016., Descrição: O projeto "Validação Transcultural do Addiction Severity Index (ASI) versão 6 para o Brasil" tem como objetivos realizar a tradução e adaptação transcultural do ASI6 (Addiction Severity Index) para a população brasileira. Trata-se de um estudo multicêntrico de validação com corte transversal. A amostra será obtida por conveniência em quatro capitais brasileiras (Porto Alegre, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo) em centros (internações e ambulatórios) para o tratamento de dependentes químicos. Calcula-se um tamanho amostral de, pelo menos, 750 indivíduos adultos em uso recente de álcool ou droga. Além do instrumento validado e dos dados gerados pelo estudo, este projeto prevê a elaboração de material para treinamento formal (vídeo com vinhetas clínicas, manual do ASI6) do instrumento, a fim de ser utilizado posteriormente por pesquisadores e clínicos no Brasil, assim como a capacitação de um grupo de profissionais da área da saúde para a aplicação deste instrumento em 4 estados brasileiros. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Lisia von Diemen - Integrante / Flavio Pechansky - Coordenador / Daniela Benzano - Integrante / Félix Henrique Paim Kessler - Integrante / Fernanda Kreische - Integrante / Neusa Sica da Rocha - Integrante / Anderson Ravy Stolf - Integrante / Anne Orgler Sordi - Integrante / Helena Moura - Integrante / Sibele Faller - Integrante / Claudia Maciel Szobot - Integrante.

  • 2004 - 2005

    Estudo sobre a associação entre impulsividade e uso de substâncias psicoativas em adolescentes, Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Flavio Pechansky em 20/01/2016., Descrição: Este projeto tem como objetivo traduzir e adaptar para o português a BIS 11 (Escala de Impulsividade de Barrat) - Avaliar se adolescentes masculinos com consumo de álcool de risco são mais impulsivos do que os com consumo de álcool de baixo risco. Objetivos específicos - Avaliar se adolescentes masculinos com consumo de alto risco de álcool são mais impulsivos do que adolescentes com consumo de baixo risco. - Avaliar se adolescentes masculinos com consumo de alguma droga ilícita (cocaína, maconha ou loló) nos últimos 30 dias são mais impulsivos do que adolescentes sem consumo de drogas ilícitas. - Avaliar se adolescentes masculinos com consumo recente de múltiplas drogas são mais impulsivos do que adolescentes sem consumo de drogas ilícitas. - Avaliar se adolescentes masculinos com início precoce de consumo de álcool são mais impulsivos do que os com início tardio. - Avaliar se adolescentes masculinos com início precoce de consumo de álcool apresentam mais consumo sugestivo de abuso ou dependência de álcool do que os com início tardio. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Integrantes: Lisia von Diemen - Integrante / Flavio Pechansky - Coordenador / Claudia Maciel Szobot - Integrante / Sandra Costa Fuchs - Integrante / Diego Garcia Bassani - Integrante.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Prêmios

2014

Prêmio Inovação em Psiquiatria, CELG-Centro de Estudos Luís Guedes..

2013

Prêmio Cyro Martins, Associação de Psiquiatria do Rio Grande do Sul.

2012

Médica Homenageada pela turma de formandos do Programa de Residência Médica em Psiquiatria, Hospital de Clínicas de Porto Alegre.

2011

Médica Homenageada pela turma de formandos do Programa de Residência Médica em Psiquiatria, Hospital de Clínicas de Porto Alegre.

2009

Travel Award for 2009 NIDA International Forum, National Institute on Drug Abuse (NIDA).

2006

1º lugar professora substituta do Departamento de Neuropsiquiatria, Universidade Federal de Santa Maria.

2006

Menção Honrosa, Associação Brasileira de Álcool e outras Drogas.

2001

Prêmio Jandira Masur, ABEAD (Associação Brasileira de Álcool e Drogas.

1999

Contributions to HIV/AIDS prevention education efforts, Department of Epidemiology and Public Health - School of Medicine, University of Miami.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Hospital de Clínicas de Porto Alegre, Serviço de Adição. , Rua Professor Álvaro Alvim, 400, Rio Branco, 90420020 - Porto Alegre, RS - Brasil, Telefone: (51) 33596472, URL da Homepage:

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Experiência profissional

2007 - 2008

Universidade de Santa Cruz do Sul

Vínculo: Professor, Enquadramento Funcional: Horista, Carga horária: 6

Outras informações:
96 horas por semestre

Atividades

  • 08/2007 - 02/2008

    Ensino, Medicina, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Psiquiatria

2006 - 2007

Universidade Federal de Santa Maria

Vínculo: Professor Substituto, Enquadramento Funcional: Professor, Carga horária: 40

Atividades

  • 10/2006 - 08/2007

    Ensino, Medicina, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Estágio em Psiquiatria, Psiquiatria, Relação Médico-Paciente

  • 10/2006 - 03/2007

    Ensino, Psicologia, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Psicopatologia Psiquiátrica e Psicofarmacologia

2018 - Atual

Hospital de Clínicas de Porto Alegre

Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Coordenadora

2012 - Atual

Hospital de Clínicas de Porto Alegre

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Chefe Unidade Ensino e Pesquisa UAA

2009 - 2016

Hospital de Clínicas de Porto Alegre

Vínculo: Celetista formal, Enquadramento Funcional: Médico Psiquiatra, Carga horária: 30

2004 - 2009

Hospital de Clínicas de Porto Alegre

Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Supervisora ambulatório de álcool e drogas, Carga horária: 4

Atividades

  • 04/2014 - 12/2015

    Ensino, Mestrado Profissional em Álcool e Drogas, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, Conceitos Básicos em Tratamento Baseado em Evidências, Seminários Integrados de Projetos I, Seminários Integrados de Projetos II

  • 07/2013 - 05/2015

    Direção e administração, Grupo de Pesquisa e Pós-Graduação, .,Cargo ou função, Coordenadora Substituta do Curso de Mestrado Profissional em Prevenção e Assistência a Usuários de Álcool e Outras Drogas.

  • 01/2004 - 01/2009

    Ensino, Residência em Psiquiatria, Nível: Especialização,Disciplinas ministradas, Supervisão no Ambulatório de Dependência Química

2016 - Atual

Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Adjunto, Carga horária: 40

2014 - Atual

Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Professor da Pós-Graduação em Psiquiatria, Carga horária: 10

1996 - 2013

Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Assistente de Pesquisa, Carga horária: 15

Atividades

  • 01/2014

    Ensino, Psiquiatria e Ciências do Comportamento, Nível: Pós-Graduação,Disciplinas ministradas, PSQ39 - Tópicos Avançados

  • 06/1996

    Pesquisa e desenvolvimento , Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação, .,Linhas de pesquisa

  • 03/2014 - 11/2015

    Ensino, Medicina, Nível: Graduação,Disciplinas ministradas, Estágio em Psiquiatria

  • 02/2011 - 02/2011

    Ensino, Especialização em avaliação e assistência em álcool e outras drogas, Nível: Especialização,Disciplinas ministradas, Bases da Metodologia Científica, Substâncias Psicoativas e Tratamento Farmacológico

  • 07/2008 - 12/2010

    Extensão universitária , Faculdade de Medicina, Departamento de Psiquiatria e Medicina Legal.,Atividade de extensão realizada, Extensão sobre Álcool e Drogas - Turma I.

  • 02/2008 - 07/2008

    Extensão universitária , Faculdade de Ciências Econômicas, Departamento de Ciências Econômicas.,Atividade de extensão realizada, Tema: Epidemiologia.

2008 - 2009

Associação de Psiquiatria do Rio Grande do Sul

Vínculo: Colaboladora, Enquadramento Funcional: Secretária Científica

Outras informações:
Atuou como Secretária Científica do Departamento de Dependência Química da Associação de Psiquiatria do Rio Grande do Sul

2015 - Atual

Centro de Pesquisa Em Álcool e Drogas

Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Vice-Diretora, Carga horária: 15

2002 - Atual

Centro de Pesquisa Em Álcool e Drogas

Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisadora

1996 - 2001

Centro de Pesquisa Em Álcool e Drogas

Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Assistente de Pesquisa, Carga horária: 12

2014 - 2015

Fundação Médica do Rio Grande do Sul

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de Pesquisa

2010 - 2012

Fundação Médica do Rio Grande do Sul

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de Formação em Pesquisa

Atividades

  • 01/2014 - 04/2015

    Pesquisa e desenvolvimento , Fundação Médica do Rio Grande do Sul, .,Linhas de pesquisa

  • 03/2010 - 08/2012

    Pesquisa e desenvolvimento , Fundação Médica do Rio Grande do Sul, .,Linhas de pesquisa